FLOW SHOP HÍBRIDO COM ESTÁGIO DOMINANTE: UMA ANÁLISE DA LITERATURA

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "FLOW SHOP HÍBRIDO COM ESTÁGIO DOMINANTE: UMA ANÁLISE DA LITERATURA"

Transcrição

1 FLOW SHOP HÍBRIDO COM ESTÁGIO DOMINANTE: UMA ANÁLISE DA LITERATURA Marcia de Fatima Morais (UNESPAR) Vitoria Pureza (UFSCar) Esta pesquisa foca os Problemas de Programação da Produção em Flow Shop Híbrido com Estágio Dominante. O objetivo é identificar e quantificar os trabalhos reportados na literatura especializada que tratam do desenvolvimento de métodos de soolução para as variações do problema com e sem tempos de setup incluídos nos tempos de processamento, dependentes e independentes da sequência de e de lotes de. As análises foram realizadas em função do número de trabalhos publicados; da abordagem utilizada nos métodos de solução; do tipo de função objetivo e do critério de desempenho adotado; e das restrições adicionais consideradas. As discussões foram efetuadas em termos de porcentagem do total de trabalhos reportados. Os resultados da revisão e análise dos trabalhos mostraram diversas oportunidades para pesquisas futuras neste ambiente, incluindo: trabalhos com setups independentes e dependentes da sequencia de e de lotes de ; trabalhos incluindo funções objetivo bi e multi-critério; trabalhos com desenvolvimento de metaheurísticas e matheurísticas; e trabalhos que adicionam restrições verificadas na prática dos ambientes de produção. Palavras-chaves: Programação da Produção, Flow Shop Híbrido, Estágio Dominante

2 1. Introdução O objeto da presente pesquisa é o sistema Flow Shop Híbrido com estágio dominante (FSH_ED), um caso especial do Flow Shop Híbrido (FSH) no qual em um ou mais estágios (porém, não em todos) há somente uma máquina (BURTSEVA et al., 2010). Pretende-se aqui identificar e quantificar os trabalhos da literatura especializada que tratam do desenvolvimento de métodos de solução orientada a algumas das principais variações do problema. A presente pesquisa poderá nortear pesquisas futuras, quer sejam de cunho metodológico e visando o desenvolvimento de novos métodos de solução a partir da identificação de lacunas do estado da arte, ou de cunho prático por meio da aplicação dos métodos investigados em empresas que utilizem o sistema FSH_ED. O artigo encontra estruturado em seis seções. Após a contextualização e apresentação dos objetivos da pesquisa, o referencial teórico é exposto. Na terceira seção, a metodologia da pesquisa é apresentada. Na quarta seção, encontra-se a apresentação dos trabalhos realizados em Flow Shop Híbrido com estágio dominante. Uma análise dos trabalhos publicados é apresentada na quinta seção, seguida de conclusões e considerações finais na sexta seção. 2. Referencial teórico Um Problema de Programação da Produção (PPP), do ponto de vista da Pesquisa Operacional, caracterizada por fornecer um ferramental matemático para a tomada de decisão, pode ser definido como um problema de n {J 1, J 2,..., J j,..., J n } que devem ser processadas em m máquinas {M 1, M 2,..., M k,..., M m } (FRENCH, 1982). Os PPP são classificados de acordo com os sistemas de produção por tipo de posicionamento do processo de produção onde ocorrem (BOIKO & MORAIS, 2009). Assim, podem ser classificados como em: (a) Máquina Única; (b) Máquinas Paralelas; (c) Flow Shop; (d) Flow Shop Permutacional; (e) Flow Shop Híbrido; (f) Job Shop; (g) Job Shop Híbrido; (h) Open Shop; (i) Por Projeto. De acordo com Fuchigami (2010) os ambientes FSH também são referenciados na literatura como Flow Shop com Máquinas Múltiplas, Flow Shop com Múltiplos Processadores e Flexible Flow Shop. O FSH é um Flow Shop tal que em pelo menos em um dado estágio de produção k (k < m) o número de máquinas é maior que 1, ou seja, existem k máquinas ou processadores em paralelo, sendo que cada tarefa e/ou lote de é processado em apenas uma das máquinas em cada estágio de produção (SETHANAN, 2001). Segundo Burtseva et al. (2010), os ambientes de máquinas possíveis no estágio i de um FSH consistem em: (a) Máquina Única: um caso especial quando em um ou mais estágios (não em todos) em um FSH há somente uma máquina. Este ambiente é também denominado de FSH com estágio dominante; 2

3 (b) Máquinas em : os tempos de processamento das são os mesmos para todas as máquinas, portanto, uma tarefa j pode ser processada em qualquer uma das m i máquinas; (c) Máquinas Uniformes em : as m i máquinas do conjunto têm diferentes velocidades, todavia os tempos de processamento das variam de acordo com um fator de proporcionalidade entre as máquinas; (d) Máquinas Não-Relacionadas em : as m i máquinas do conjunto têm diferentes velocidades, e os tempos de processamento das variam entre as máquinas de forma arbitrária. Máquinas dedicadas constituem outro tipo especifico de máquinas em paralelo que podem ser encontradas em FSHs. 2.1 Objetivos da programação A Programação da Produção é sempre realizada buscando atingir um critério, ou conjunto de critérios de desempenho, que caracterizam a natureza do Problema (BOIKO & MORAIS, 2009). De acordo com Bedworth &Bailey (1987), Maccarthy & Liu (1993), Allahverdi et al. (1999) e Allahverdi et al. (2008), os principais critérios de desempenho utilizados nos métodos de solução para programação da produção são: Adiantamento da Tarefa - Lateness (Lj); Adiantamento Máximo (Lmax); Adiantamento Total ( Lj); Adiantamento Total Ponderado ( wjlj); Adiantamento; Atraso da Tarefas - Tardiness (Tj); Atraso Máximo (Tmax); Atraso Total ( Tj); Atraso Médio das Tarefas ( Tj/n); Atraso Total Ponderado ( wjtj); Data de Término da Tarefa - Completion Time (Cj); Duração Total da Programação - Maximum Completion Time ou Makespan (Cmax); Duração Média da Programação - Mean Completion Time ( C i /n); Total Completion Time ( Cj); Total Completion Time Ponderado ( wjcj); Número de Tarefas em Atraso ( Uj); Número de Tarefas em Atraso ( Uj/n); Tempo de Espera (Wj); Tempo Total de Espera (ΣWj), Tempo Médio de Espera ( Wj/n);Tempo Total de Espera Ponderado ( wjwj); Tempo de Fluxo da Tarefa - Flow Time (Fj); Tempo de Fluxo Total Ponderado ( wjfj); Tempo de Fluxo Total Ponderado ( wjfj); Tempo Médio de Fluxo ( Fj/n); Tempo Total de Espera ( Wj); e Tempo Médio de Espera (ΣWj/n). Quanto às hipóteses dos PPP, estas podem ser divididas em hipóteses sobre e/ou grupos de, sobre máquinas e sobre políticas de operações (GUPTA & STAFFORD, Jr., 2006). Estas hipóteses determinam as restrições do problema específico, tais como tempo de remoção, tempo de defasagem, datas de liberação, prazos de entrega, quebras de máquinas, bloqueio de máquinas, limitações de espaço para estocagem e reprogramações. Segundo MacCarthy & Liu (1993), os métodos de solução para PPP encontrados na literatura podem ser categorizados em: (a) métodos ótimos (ou exatos): geram a melhor programação possível de acordo com o critério de desempenho adotado, e (b) métodos heurísticos: geram uma programação de boa qualidade sem garantia de otimalidade em um tempo computacional aceitável. Glover & Kochenberger (2003) incluem a esta classificação, (c) metaheurísticas: procedimentos que coordenam estratégias de busca local de nível mais elevado, criando um processo para evitar mínimos locais, efetuando uma busca da solução mais robusta para um problema. Mais recentemente, Boschetti et al (2009) ressaltam a utilização de (d) métodos híbridos ou matheurísticas: algoritmos desenvolvidos por meio da interoperação de metaheurísticas e técnicas de programação matemática. 3

4 3. Metodologia Esta pesquisa é caracterizada como qualitativa teórica/conceitual (BRYMAN, 1989). Foram utilizados os bancos de dados Compendex, Emerald, Google Acadêmico, Scirus, Science Direct, Web of Knowledge, DOAJ, Hindawi, Open J-Gate, Scopus e Scielo, adotando-se como palavras-chave flow shop, flow shop com máquinas múltiplas, flow shop híbrido, flow shop flexível, estágio dominante, estágio com máquina única, tempos de setup, tempos de setup incluídos nos tempos de processamento, tempos de setup separados dos tempos de processamento, tempos de setup independentes da sequencia, restrições e tempos de setup dependentes da sequencia. Uma combinação extensa de palavras-chave também foi utilizada. Além disso, mais de 30 revistas nas áreas de Pesquisa Operacional, Gestão, Gestão da Produção e Ciências Aplicadas, bem como teses, dissertações e relatórios, foram consultados individualmente nesta pesquisa. Não se estabeleceu uma limitação temporal para a investigação. Os trabalhos encontrados foram classificados em três grandes grupos: FSH_ED com tempos de setup incluídos nos tempos de processamento das e/ou lotes de ; FSH_ED com tempos de setup separados dos tempos de processamento e dependentes da sequencia de e/ou lotes de ; FSH_ED com tempos de setup separados dos tempos de processamento e independentes da sequencia de e/ou lotes de. Além disso, de cada trabalho foram extraídas características relevantes, a saber: Tipos de máquinas em paralelo: idênticas, proporcionais, não-relacionadas e dedicadas; do método de solução: método exato, heurístico, metaheurístico e matheurístico; Função objetivo: mono, bi ou multicritério; Critério(s) de otimização; e Restrições adicionais. As discussões foram efetuadas em termos de porcentagem do total reportado. 4. Trabalhos em sistemas flow shop híbrido com estágio dominante (FSH_ED) 4.1. FSH_ED com tempos de setup incluídos nos tempos de processamento Métodos de solução para o PPP em sistemas de produção FSH_ED e tempos de setup incluídos nos tempos de processamento das foram encontrados em Gupta (1988), Sriskandarajah & Sethi (1989), Gupta & Tunc (1991), Lee; Cheng & Lin (1993), Potts et al. (1995), Gupta; Hariri & Potts (1997), Hariri &Potts (1997), Oguz; Lin & Cheng (1997), Riane; Artiba & Elmaghraby (1998), Gupta & Tunc (1998), Gupta; Sexton &Tunc (2000), Riane; Artiba & Elmaghraby (2001), Riane; Artiba & Elmaghraby (2002), Liu et al. (2003), Sun; Morizawa & Nagasawa (2003), Lee &Kim (2004),, Allaoui & Artiba (2006), Low; Hsu & Su (2008), Tseng; Liao &Liao (2008), Boudhar & Meziani (2010), Hadda; Dridi & Hajiri- Gabouj (2011), Yang (2011), Carpov et al. (2012) e Liao; Tjandradja &Chung (2012). Métodos de solução para PPP com tempos de setup incluídos nos tempos de processamento de lotes foram encontrados em Narasimhan & Panwalkar (1984), Uetake; Tsubone & Ohba (1995), Tsubone; Ohba &Uetake (1996), He; Sun & Luo (2007), Caricato; Grieco & Serino (2007) e Luo et al. (2011). Os Quadros 1 e 2 apresentam uma síntese dos trabalhos em FSH_ED e tempos de setup incluídos nos tempos de processamento das e de lotes de, respectivamente. 4

5 Tipo de do Método de Oguz, Lin &Cheng (1997) Referência Função- Critério Restrições Adicionais Objetivo Gupta (1988) Sriskandarajah & Sethi (1989) Gupta & Tunc (1991) Lee, Cheng &Lin (1993) Dedicadas Exata Monocritério C max Linhas de Montagem Potts et al (1995) Dedicadas Monocritério C max Linhas de Montagem Gupta, Hariri & Potts (1997) Dedicadas Exata Linhas de Montagem Hariri & Potts (1997) Monocritério C max Relações de Dominância Não- Relacionadas Exata Riane, Artiba & Elmaghraby (1998) Dedicadas Gupta & Tunc (1998) Monocritério U j - Gupta, Sexton & Tunc Redes Neurais (2000) Monocritério U j - Riane, Artiba & Elmaghraby Dedicadas Exata (2001), Riane, Artiba & Elmaghraby Dedicadas Exata (2002) Liu et al (2003) Heuristica Monocritério C max No-Wait Sun, Morizawa & Nagasawa Dedicadas Heurísica (2003) Monocritério C max Linhas de Montagem Lee &Kim (2004) Exata Monocritério T j - Allaoui & Artiba (2006) Exata Low, Hsu & Su (2008) Não- Relacionadas Monocritério C max Restrições Tecnológicas Tseng, Liao & Liao (2008) Boudhar & Meziani (2010) Exata Monocritério C max Recirculação de Hadda, Dridi & Hajiri- Monocritério C Gabouj (2011) Dedicadas max Regra de Dominância Dedicadas Exata Yang (2011) Monocritério C max - Carpov et al (2012) Monocritério C max No-Wait Liao, Tjandradja & Chung Metaheurística Monocritério C (2012) max - Quadro 1 FSH_ED e Tempos de Setup incluindo nos tempos de processamento de 5

6 Referência Narasimhan & Panwalkar (1984) Uetake, Tsubone & Ohba (1995) Tsubone, Ohba & Uetake (1996) He, Sun & Luo (2007) Caricato, Grieco & Serino (2007) Luo et al (2011) Behanamian et al (2012) Tipo de Dedicadas Dedicadas Dedicadas do Método de Exata Metaheurísitca Exata Função- Objetivo Monocritério Bicritério Critério MIT; W j C max ; WIP max Restrições Adicionais Monocritério C max Regras de sequenciamento Monocritério C max - - Bloqueio de Máquinas Sem Buffer Monocritério C max Capacidade de Transporte Quadro 2 FSH_ED e Tempos de Setup incluindo nos tempos de processamento de lotes de 4.2. FSH_ED com Tempos de Setup Separados dos Tempos de Processamento e Independentes da Sequencia Métodos de solução para o PPP em sistemas de produção FSH_ED e tempos de Setup independentes da sequencia de execução de foram encontrados nos trabalhos de Gupta & Tunc (1994), Chang; Yan & Shao (2004) e Guirchoun; Matineau & Billaut (2005). Métodos de solução para o PPP com tempos de setup independentes da sequencia de execução de lotes de foram encontrados nos trabalhos de Ching; Liao & Wuo (1997), Li (1997), Huang & Li (1998), Cheng & Kovalyov (1998), Zang et al. (2005) e Gicquel et al. (2012). Os Quadro 3 e 4 apresentam uma síntese dos trabalhos em FSH_ED e tempos de setup separados dos tempos e independentes da sequencia de execução das e de lotes de, respectivamente. Referência Gupta & Tunc (1994) Chang, Yan & Shao (2004) Guirchoun, Matineau & Billaut (2005) Tipo de do Método de Exata Função- Objetivo Monocritério Critério C max Monocritério C max Exata Monocritério Cj Restrições Adicionais Tempos de Remoção No-Wait Tempos de Remoção No-Wait Tempo de setup unitário Quadro 3 FSH_ED e Tempos de Setup Separados dos Tempos de Processamento e Independentes da Tarefas 6

7 Tipo de do Método de Quadro 4 FSH_ED e Tempos de Setup Separados dos Tempos de Processamento e Independentes da Lotes de Tarefas 4.3. FSH_ED com Tempos de Setup Separados dos Tempos de Processamento e Dependentes da Sequencia Métodos de solução para o PPP em sistemas de produção FSH_ED com tempos de Setup dependentes da sequencia de execução de foram encontrados nos trabalhos de Silva (2005), Moccellin & Silva (2005) e Ruiz; Serifoglu & Urlings (2008) e Kianfar; Fatemi Ghomi & Jadid (2012). Métodos de solução para PPP em FSH_ED com tempos de setup dependentes da sequencia de execução de lotes foram encontrados nos trabalhos de Lin&Liao (2003) e Luo et al. (2009). O Quadros 5 e 6 apresentam uma síntese dos trabalhos em FSH_ED e tempos de setup separados dos tempos e dependentes da sequencia de execução de e de lotes de, respectivamente. Tipo de do Método de Referência Função- Critério Restrições Adicionais Objetivo Ching, Liao & Wuo (1997) Dedicadas Li (1997) Monocritério C max Subdivisão de lotes no estágio 2 Huang & Li (1998) Uniformes Exata Cheng & Kovalyov (1998) Dedicadas Exata Zhang et al. (2005) Exata Monocritério C i /n Restrições de Precedência Subdivisão de lotes No-Wait Gicquel et al. (2012) Exata Monocritério C i Tempo de Processamento Unitário Referência Função- Critério Restrições Adicionais Objetivo Silva (2005) Moccellin & Silva (2005) Restrições de Precedência Datas de Liberação Não- Setups antecipatórios e Ruiz, Serifoglu & Urlings Exata Relacionadas Monocritério C (2008) Heuristica max não antecipatórios Salta estágios Elegibilidade de Máquinas Tempo de Defasagem Kianfar, Fatemi Ghomi & Jadid (2012) Simulação e Metaheurística Monocritério Tj/n Chegadas Dinâmicas de Tarefas Quadro 5 FSH_ED e Tempos de Setup Separados dos Tempos de Processamento e Dependentes da Sequencia de Tarefas 7

8 Tipo de do Método de Referência Função- Critério Restrições Adicionais Objetivo Lin & Liao (2003) Dedicadas Monocritério w j T j Datas de entrega No-Wait Bloqueio de Máquinas Luo et al. (2009) Metaheurística Monocritério C max Disponibilidade de Máquinas Sem buffer intermediário Quadro 6 FSH_ED e Tempos de Setup Separados dos Tempos de Processamento e Dependentes da Sequencia de Lotes de Tarefas 5. Análise dos trabalhos em FSH_ED Métodos de solução para o PPP em FSH_ED foram encontrados em 46 publicações. O Quadro 7 ilustra a proporção de trabalhos em FSH_ED com tempos de setup incluídos nos tempos de processamento e tempos de setup separados dos tempos de processamento, independentes e dependentes da sequência de e lotes de. Tipo de Sequencia Tempos de setup incluídos nos tempos de processamento Tempos de setup separados dos tempos de processamento Setup independente da sequencia Setup independente da sequencia Tarefas 52,17% 6,52% 8,69% Lotes de Tarefas 15,21% 13,04% 4,34% Quadro 7 Proporção de Trabalhos Publicados em FSH_ED Em relação aos tipos de máquinas adotadas nos trabalhos investigados, verificou-se que 27 adotam máquinas paralelas idênticas, 01 adota máquinas paralelas uniformes, 03 adotam máquinas paralelas não-relacionadas e 16 adotam máquinas paralelas dedicadas. O Quadro 8 ilustra a proporção de trabalhos que adotam cada um dos diferentes tipos de máquinas em paralelo, de acordo com o ambiente enfocado em cada estudo. 8

9 Tipos de Tempos de setup incluídos nos tempos de processamento Sequencia de lotes de Tempos de setup separados nos tempos de processamento e independentes da sequencia lotes de Tempos de setup separados nos tempos de processamento e dependentes da sequencia lotes de 28,26% 8,69% 6,52% 6,52% 6,52% 2,17% Uniformes ,17% - - Não - Relacionadas 4,34% ,17% - Dedicadas 19,56% 6,52% - 4,34% - 2,17% Quadro 8 Tipos de Adotados nos Trabalhos em FSH_ED Em relação às abordagens de solução adotados nos trabalhos orientados ao FSH_ED, verificou-se que 17 trabalhos utilizam métodos exatos, 36 trabalhos utilizam métodos heurísticos, e 02 trabalhos utilizam métodos metaheurísticos. Somente o trabalho de Kianfar; Fatemi Ghomi & Jadid (2012), que além da abordagem heurística, utiliza também uma abordagem híbrida que combina método metaheurístico com simulação. Ressalta-se, entretanto, que diversos trabalhos utilizam métodos exatos e heurísticas em um mesmo trabalho. A proporção de trabalhos que adotam cada uma das diferentes abordagens de solução, de acordo com o ambiente enfocado em cada estudo, é ilustrado no Quadro 9. Para os cálculos apresentados no quadro abaixo, o trabalho de Gupta; Sexton& Tunc (2000) não foi incluído, pois este apresenta um método baseado em redes neurais para seleção do sistema de programação da produção a ser adotado. 9

10 Adotada no(s) Método(s) de Tempos de setup incluídos nos tempos de processamento lotes de Tempos de setup separados dos tempos de processamento e independentes da sequencia lotes de Tempos de setup separados dos tempos de processamento e dependentes da sequencia lotes de Ótima 6,66% - 2,22% 4,44% ,88% 8,88% 2,22% 4,44% 4,44% 2,22% Metaheurística 2,22% 2,22% e 13,33% 4,44% 2,22% 4,44% 2,22% 2,22% Híbrida ,22% - Quadro 9 Tipos de Abordagens Adotados nos Trabalhos em FSH_ED Em relação ao tipo de função-objetivo adotada nos métodos desenvolvido, com exceção do trabalhos de Uetake; Tsubone & Ohba (1995) que tratam do PPP em FSH_ED e Tempos de Setup incluindo nos tempos de processamento de lotes de, todos os demais utilizam funções monocritério. Critérios de desempenho orientados a duração da programação, como o Makespan (C max ), o Tempo Total de Conclusão ( C j ) e a Duração Média da Programação ( C j /n) foram adotados em 86,95% dos trabalhos. Outros critérios verificados nos trabalhos foram Atraso Total ( Tj), Atraso Total Ponderado ( wjtj), Tempo Total de Espera (ΣWj), Número de Tarefas em Atraso ( Uj), Número de Tarefas em Atraso ( Uj/n), Máximo Estoque em Processo (WIPmax) e Mínimo Tempo Ocioso (MIT). Em relação as restrições adicionais, verificou-se que 47,82% dos trabalhos consideram algum tipo de restrição adicional. Destaque deve ser dada à restrição de no-wait, que do total de trabalhos com restrições adicionais, aparece em 27,27% dos trabalhos. Outros tipos de restrições adicionais verificadas foram datas de liberação, datas de entrega, tempos de defasagem, tempos de remoção, tempos de processamentos unitários, tempos de setup unitário, setups antecipatórios e não-antecipatórios, bloqueios de máquinas, disponibilidade de máquinas, elegibilidade de máquinas, restrições de precedência e tecnológicas, regras de dominância e sequenciamento, chegadas dinâmicas de, podem saltar estágios, recirculação de, subdivisão de lotes, ausência de buffer, capacidade de transporte e linhas de montagem. Verificou-se também que 36,36% consideram mais de uma restrição adicional simultaneamente. 6. Conclusões e considerações finais Dado a diversidade de ambientes produtivos, bem como as características que podem ser incorporadas a estes ambientes, verificou-se nesta pesquisa, que o estado da arte em problemas de programação em FSH_ED e tempos de setup separados dos tempos de processamento, encontra-se bastante incipiente. Constatou-se com esta pesquisa, que para o problema investigado, a maior parte dos trabalhos considera máquinas paralelas idênticas, funções-objetivo monocritério orientadas à duração da programação. Verificou-se também tendência de incorporação de várias restrições adicionais simultaneamente, em especial, em trabalhos publicados nos anos mais recentes. 10

11 Referências ALLAHVERDI, A.; CHENG, T. C. E. & KOVALYOV, M. Y. A survey of scheduling problems with setup times or costs. European Journal of Operational Research, vol.187, p , ALLAHVERDI, A.; GUPTA, J.N.D. & ALDOWAISAN, T. A review of scheduling research involving setup considerations. Omega - The International Journal of Management Science, vol. 27, p , ALLAOUI, H. & ARTIBA, A. Scheduling two-stage hybrid flow shop with availability constraints. Computers and Operations Research, vol.33, p , BEDWORTH, D. D. & BAILEY, J. E. Integrated Production Control Systems: management, analysis, design. 2 edição. New York: John Wiley & Sons, Inc, BEHANAMIAN, J; FATEMI GHOMI, S.M.T.; JOLAI, F. & AMIRTAHERI, O. (2012), Minimizing makespan on a three-machine flowshop batch scheduling problem with transportation using genetic algorithm. Applied Soft Computing, vol.12, p , BOSCHETTI, M. A.; MANIEZZO, V.; ROFFILLI, M. & ROHLER, A. B. Matheuristics: Optimization, Simulation and Control. Lecture Notes in Computer Science, vol. 5818, BOUDHAR, M. & MEZIANI, N. Two-stage hybrid flow shop with recirculation. International Transactions in Operational Research, vol.17, p , BRYMAN, A. Research methods and organization studies. London: Uniwin Hyman, BURTSEVA, L.; YAURIMA, V. & PARRA, R. R. Scheduling methods for hybrid flow shops with setup times. In: Handbook Future Manufacturing Systems. InTech, CARICATO, P.; GRIECO, A. & SERINO, D. Tsp-based scheduling in a batch-wise hybrid flow-shop. Robotics and Computer-Integrated Manufacturing, vol. 23, p , CARPOV. S.; CARLIER, J.; NACE, D. & SIRDEY, R. Two-stage hybrid flow shop with precedence constraints and parallel machines at second stage. Computers & Operations Research, vol.39, p , CHANG, J.; YAN, W. & SHAO, H. Scheduling a two-stage no-wait hybrid flowshop with separated setup and removal times. In: Proceedings of the American Control Conference, Boston, MA, United States, vol. 2, p , CHENG, T. C. E.; GUPTA, J. N. D. & WANG, G. A review of flowshop scheduling research with setup times. Production an Operations Management, vol.9, no.3, p , CHENG, T.C.E. & KOVALYOV, M.Y. An exact algorithm for batching two part types in a mixed shop: Algorithms and Complexity. International Journal of Production Economics, vol.55, p.53-56, CHING, C. Y.; LIAO, C. J & WU, C. J. Batching to Minimize Total Production Time for Two Part Types. International Journal of Production Economics, vol.48, no.1, p.63 72, FRENCH, S. Sequencing and scheduling: an introduction to the mathematics of the job shop. New York: Wiley, FUCHIGAMI, H.Y. Flexible flow line com tempos de setup: métodos heurísticos. Tese (Doutorado), Escola de Engenharia de São Carlos, Universidade de São Paulo, São Carlos GICQUEL, C.; HEGE, L.; MINOUX, M. & VAN CANNEYT, W. A discrete time exact solution approach for a complex hybrid flow-shop scheduling problem with limited-wait constraints. Computers & Operations Research, vol.39, no.3, p , GLOVER, F. & KOCHENBERGER, G. A. Handbook of Metaheuristics. Kluwer Academic Publishers, Boston, GUIRCHOUN, S.; MATINEAU, P. & BILLAUT, J. C. Total completion time minimization in a computer system with a server and two parallel processors. Computers & Operations Research, vol.32, p , GUPTA, J. N. D. Two-stage hybrid flowshop scheduling problem. Journal of Operational Research Society, vol.39, no.4, p ,

12 GUPTA, J. N. D.; HARIRI, A. M. A. & POTTS, C.N. Scheduling a two-stage hybrid flow shop with parallel machines at the first stage. Annals of Operations Research, vol.69, p , GUPTA, J. N. D.; SEXTON, R. S. & TUNC, E. A. Selecting Scheduling Heuristics Using Neural Networks. INFORMS Journal on Computing, vol.12, no.2, p , GUPTA, J.N.D. & STAFFORD JR. Flowshop scheduling research after five decades. European Journal of Operational Research, vol.169, p , GUPTA, J.N.D. & TUNC, E.A. Schedules for two-stage hybrid flow shop with parallel machines at the second stage. International Journal of Production Research, vol.29, p , GUPTA, J.N.D. & TUNC, E.A. Scheduling a two-stage hybrid flowshop with separable setup and removal times. European Journal of Operational Research, vol.77, p , GUPTA, J.N.D. & TUNC, E.A. Minimizing tardy jobs in a two-stage hybrid flow shop. International Journal of Production Research, vol.36, no.9, p , HADDA, H.; DRIDI, N. & HAJIRI-GABOUJ, S. A note on the two-stage hybrid flow shop problem with dedicated machines. Optimization Letters, online first, HARIRI, A. M. A. & POTTS, C. N. A branch and bound algorithm for the two-stage assembly scheduling problem. European Journal of Operational Research, vol.103, p , HE, L.; SUN, S. & LUO, R. A hybrid two-stage flowshop scheduling problem. Asia-Pacific Journal of Operational Research, vol.24, no.1, p.45-56, HUANG, W. & LI, S. A two-stage hybrid flowshop with uniform machines and setup times. Mathematical and Computer Modeling, vol.27, no.2, p.27-45, KIANFAR, K.; FATEMI GHOMI, S. M.T. & JADID, A. O. Study of stochastic sequence-dependent flexible flow shop via developing a dispatching rule and a hybrid GA. Engineering Applications of Artificial Intelligence, vol.25, p , LEE, C. Y; CHENG, T. C. E. & LIN, B. M. T. Minimizing the makespan in the 3-machine assembly-type flowshop scheduling problem. Management Science, vol.39, p , LEE, G. C. & KIM, Y. D. A branch-and-bound algorithm for a two-stage hybrid flow shop scheduling problem minimizing total tardiness. International Journal of Production Research, vol.42, no.22, p , LI, S. A hybrid two-stage flowshop with part family, batch production, and major and minor set-ups. European Journal of Operational Research, vol. 102, p , LIAO, C. J.; TJANDRADJA, E. & CHUNG, T. P. An approach using particle swarm optimization and bottleneck heuristic to solve hybrid flow shop scheduling problem. Applied Soft Computing, vol.12, p , LIU, Z.;.XIE, J.; LI, J. & DONG, J. A heuristic for two-stage no-wait hybrid flowshop scheduling with a single machine in either stage. Tsinghua Science and Technology, vol.8, no.1, p.43-48, LOW, C.; HSU, C. J. & SU, C. T. A two-stage hybrid flowshop scheduling problem with a function constraint and unrelated alternative machines. Computers & Operations Research, vol.35, p , LUO, H.; HUANG,.G. Q.; ZHANG, Y. F. & DAI, Q.Y. Hybrid flow shop scheduling with batch-discrete processor and machine maintenance in time windows. International Journal of Production Research, vol.49, no.6, p , LUO, H.; HUANG,.G. Q.; ZHANG, Y. F.; DAI, Q.Y. & CHEN, X. Two stage hybrid batching flowshop scheduling with blocking and machine availability constraints using genetic algorithm. Robotics and Computer- Integrated Manufacturing, vol.25, no.6, p , MACCARTHY, B.L. & LIU, J.Y. Adressing the gap in scheduling research: a review of optimization and heuristic methods in production scheduling. International Journal of Production Research, vol.31, no.1, p , MOCCELLIN, J.V & SILVA, P.P. Estágios dominantes flexíveis em sistemas de produção flow shop híbridos. Anais...Simpósio Brasileiro de Pesquisa Operacional, 37, Gramado, RS,

13 NARASIMHAN, S. L. & PANWALKAR, S. S. Scheduling in a two-stage manufacturing process. International Journal of Production Research, vol.22, p , OGUZ, C.; LIN, B. M. T. & CHENG, T. C. E. Two-stage flowshop scheduling with a common second-stage machine. Computers & Operations Research, vol.24, no.12, p , POTTS, C.N.; SEVAST JANOV, S. V.; STRUSEVICH, V. A.. VAN WASSENHOVE, L. N. & ZWANEVELD, C. M. The two-stage assembly scheduling problem: complexity and approximation. Operations Research, vol.43, no.2, p , RIANE, F.; ARTIBA, A. & ELMAGHRABY, S. E. A hybrid three-stage fowshop problem: Efficient heuristics to minimize makespan. European Journal of Operational Research, vol.109, p , RIANE, F.; ARTIBA, A. & ELMAGHRABY, S. E. Sequencing a hybrid two-stage flowshop with dedicated machines. 3 Conférence Francophone de Modélisation et Simulation "Conception, Analyse et Gestion des Systèmes Industriels" MOSIM'01-25a 27 Abril Troyes: France, RIANE, F.; ARTIBA, A. & ELMAGHRABY, S. E. Sequencing a hybrid two-stage flowshop with dedicated machines. International Journal of Production Research, vol.40, no.17, p , RUIZ, R.; SIVRIKAYA-SERIFOGLU, F. & URLINGS, T. An evolutionary approach to realistic hybrid flexible flowshop scheduling problems. Computers & Operations Research, vol.35, p , RUIZ, R. & VÂZQUEZ-RODRIGUEZ, J. A. The hybrid flow shop scheduling problem. European Journal of Operational Research, vol.205, p.1 18, SETHANAN, K. Scheduling flexible flowshops with sequence dependent setup times. Tese (Doutorado em Decision Sciences and Production System) - College of Engineering and Mineral Resources, West Virginia University, Morgantown, SILVA, P. P. Métodos Heurísticos Construtivos para o Problema de Programação de Operações Flow Shop Híbrido com Estágio de Produção Dominante. Dissertação (Mestrado), Escola de Engenharia de São Carlos, Universidade de São Paulo, São Carlos SRISKANDARAJAH, C. & SETHI, S. P. Scheduling algorithms for flexible flowshops: Worst and average case performance. European Journal of Operational Research, vol.43, p , SUN, X.; MORIZAWA, K. & NAGASAWA, H. Powerful heuristics to minimize makespan in fixed, 3- machine, assembly-type flowshop scheduling. European Journal of Operational Research, vol.146, p , TSENG, C. T.; LIAO, C. J. & LIAO, T. X. A note on two-stage hybrid flowshop scheduling with missing operations. Computers & Industrial Engineering, vol.54, p , TSUBONE, H.; OHBA, M. & UETAKE, T. The impact of lot sizing and sequencing one manufacturing performance in a two-stage hybrid flow shop. International Journal of Production Research, vol.34, no.11, p , UETAKE, T.; TSUBONE, H. & OHBA, M. A production scheduling system in a hybrid flow shop. International Journal of Production Economics, vol.41, p , YANG, J. Minimizing total completion time in two-stage hybrid flow shop with dedicated machines. Computers & Operations Research, vol.38, p , ZANG, W.; YIN, C.; LIU, J. & LINN, R. J. Multi-job lot streaming to minimize the mean completion time in m-1 hybrid flowshops. International Journal of Production Economics, vol.96, no,1, p ,

Me. Thays Josyane Perassoli Boiko TIDE, Engenharia de Produção Agroindustrial, Fecilcam, thaysperassoli@bol.com.br

Me. Thays Josyane Perassoli Boiko TIDE, Engenharia de Produção Agroindustrial, Fecilcam, thaysperassoli@bol.com.br PROGRAMAÇÃO DA PRODUÇÃO EM FLOW SHOP PERMUTACIONAL COM RESTRIÇÕES ADICIONAIS E CRITÉRIOS DE DESEMPENHO DE FLOW TIME E MAKESPAN: UMA REVISÃO DE LITERATURA Me. Thays Josyane Perassoli Boiko TIDE, Engenharia

Leia mais

Análise estrutural do problema de programação da produção F3 r j, s ijk C max

Análise estrutural do problema de programação da produção F3 r j, s ijk C max Análise estrutural do problema de programação da produção F3 r j, s ijk C max Sânia da Costa Fernandes (UFG) saninha_fernandes@hotmail.com Tatiane Albuquerque Pires (UFG) tati_albuquerque_3@hotmail.com

Leia mais

FLOWSHOPS PARALELOS COM PROCESSADORES NÃO-RELACIONADOS

FLOWSHOPS PARALELOS COM PROCESSADORES NÃO-RELACIONADOS FLOWSHOPS PARALELOS COM PROCESSADORES NÃO-RELACIONADOS Marcelo Seido Nagano Faculdade de Economia, Administração e Contabilidade, Universidade de São Paulo Av. dos Bandeirantes, 3900, CEP 14.040-900 Ribeirão

Leia mais

PROGRAMAÇÃO DA PRODUÇÃO EM PROCESSOS BATELADAS UTILIZANDO PLANILHAS ELETRÔNICAS

PROGRAMAÇÃO DA PRODUÇÃO EM PROCESSOS BATELADAS UTILIZANDO PLANILHAS ELETRÔNICAS IX Congresso Brasileiro de Engenharia Química - Iniciação Científica 03 a 06 de julho de 2011 Maringá, Paraná, Brasil PROGRAMAÇÃO DA PRODUÇÃO EM PROCESSOS BATELADAS UTILIZANDO PLANILHAS ELETRÔNICAS MIRANDA

Leia mais

REDUÇÃO DO ESTOQUE EM PROCESSAMENTO EM SISTEMAS DE PRODUÇÃO FLOW SHOP PERMUTACIONAL

REDUÇÃO DO ESTOQUE EM PROCESSAMENTO EM SISTEMAS DE PRODUÇÃO FLOW SHOP PERMUTACIONAL REDUÇÃO DO ESTOQUE EM PROCESSAMENTO EM SISTEMAS DE PRODUÇÃO FLOW SHOP PERMUTACIONAL REDUCING IN-PROCESS INVENTORY IN PERMUTATION FLOW SHOP PRODUCTION ENVIRONMENT Marcelo Seido Nagano Professor Doutor Universidade

Leia mais

8 Referências Bibliográficas

8 Referências Bibliográficas 100 8 Referências Bibliográficas BAGCHI, T, P. Multiobjective scheduling by genetic algorithms. Boston: Kluwer, 1999. BRANDIMARTE, P. Routing and scheduling in a flexible job shop by taboo search. Annals

Leia mais

Heurística Evolutiva para a Redução do Estoque em Processamento em Sistemas de Produção Flow Shop Permutacional

Heurística Evolutiva para a Redução do Estoque em Processamento em Sistemas de Produção Flow Shop Permutacional M. S. Nagano et al. / Investigação Operacional, 28 (2008) 107-117 107 Heurística Evolutiva para a Redução do Estoque em Processamento em Sistemas de Produção Flow Shop Permutacional Marcelo Seido Nagano

Leia mais

MÉTODOS DE SOLUÇÃO PARA O PROBLEMA DE PROGRAMAÇÃO DA PRODUÇÃO EM FLOW SHOP TRADICIONAL COM TEMPOS DE SETUP SEPARADOS DOS TEMPOS DE PROCESSAMENTO

MÉTODOS DE SOLUÇÃO PARA O PROBLEMA DE PROGRAMAÇÃO DA PRODUÇÃO EM FLOW SHOP TRADICIONAL COM TEMPOS DE SETUP SEPARADOS DOS TEMPOS DE PROCESSAMENTO MÉTODOS DE SOLUÇÃO PARA O PROBLEMA DE PROGRAMAÇÃO DA PRODUÇÃO EM FLOW SHOP TRADICIONAL COM TEMPOS DE SETUP SEPARADOS DOS TEMPOS DE PROCESSAMENTO MIYATA, Hugo Hissashi (IC Fundação Araucária/SETI), Engenharia

Leia mais

UM ALGORITMO BASEADO EM ITERATED GREEDY PARA MINIMIZAÇÃO DO MAKESPAN NO PROBLEMA DE SEQUENCIAMENTO FLOWSHOP HÍBRIDO E FLEXÍVEL

UM ALGORITMO BASEADO EM ITERATED GREEDY PARA MINIMIZAÇÃO DO MAKESPAN NO PROBLEMA DE SEQUENCIAMENTO FLOWSHOP HÍBRIDO E FLEXÍVEL UM ALGORITMO BASEADO EM ITERATED GREEDY PARA MINIMIZAÇÃO DO MAKESPAN NO PROBLEMA DE SEQUENCIAMENTO FLOWSHOP HÍBRIDO E FLEXÍVEL Eduardo Camargo de Siqueira 1, Sérgio Ricardo de Souza 1, Marcone Jamilson

Leia mais

ESTÁGIOS DOMINANTES FLEXÍVEIS EM SISTEMAS DE PRODUÇÃO FLOW SHOP HÍBRIDOS

ESTÁGIOS DOMINANTES FLEXÍVEIS EM SISTEMAS DE PRODUÇÃO FLOW SHOP HÍBRIDOS ESTÁGIOS DOMINANTES FLEXÍVEIS EM SISTEMAS DE PRODUÇÃO FLOW SHOP HÍBRIDOS João Vitor Moccellin Departamento de Engenharia de Produção Escola de Engenharia de São Carlos, Universidade de São Paulo. Av. Trabalhador

Leia mais

ANÁLISE DE DESEMPENHO DE REGRAS DE PRIORIDADE PARA PROGRAMAÇÃO EM SISTEMAS FLOW SHOP HÍBRIDO E TEMPOS DE SETUP DEPENDENTES DA SEQUÊNCIA

ANÁLISE DE DESEMPENHO DE REGRAS DE PRIORIDADE PARA PROGRAMAÇÃO EM SISTEMAS FLOW SHOP HÍBRIDO E TEMPOS DE SETUP DEPENDENTES DA SEQUÊNCIA ANÁLISE DE DESEMPENHO DE REGRAS DE PRIORIDADE PARA PROGRAMAÇÃO EM SISTEMAS FLOW SHOP HÍBRIDO E TEMPOS DE SETUP DEPENDENTES DA SEQUÊNCIA CANTIERE, Patricia Castoldi, IC, Fecilcam, CNPq, Engenharia de Produção

Leia mais

PROBLEMA DE PROGRAMAÇÃO EM SISTEMAS FLOWSHOP PERMUTACIONAL: UMA CONTRIBUIÇÃO BIBLIOMÉTRICA

PROBLEMA DE PROGRAMAÇÃO EM SISTEMAS FLOWSHOP PERMUTACIONAL: UMA CONTRIBUIÇÃO BIBLIOMÉTRICA PROBLEMA DE PROGRAMAÇÃO EM SISTEMAS FLOWSHOP PERMUTACIONAL: UMA CONTRIBUIÇÃO BIBLIOMÉTRICA Kellen Dayelle Endler Universidade Federal do Paraná - UFPR Curitiba-PR; CEP: 81531-990 kellen_dayelle@hotmail.com

Leia mais

INCERTEZAS EM ALGORITMOS DE PROGRAMAÇÃO DE OPERAÇÕES

INCERTEZAS EM ALGORITMOS DE PROGRAMAÇÃO DE OPERAÇÕES INCERTEZAS EM ALGORITMOS DE PROGRAMAÇÃO DE OPERAÇÕES José Arnaldo Barra Montevechi Escola Federal de Engenharia de Itajubá - Departamento de Produção - e-mail: arnaldo@iem.efei.br Cx Postal 50 - Tel. (035)

Leia mais

ANÁLISE DE DESEMPENHO DE REGRAS DE PRIORIDADE PARA PROGRAMAÇÃO EM FLOW SHOP COM MÚLTIPLAS MÁQUINAS E TEMPOS DE SETUP INDEPENDENTES DA SEQÜÊNCIA

ANÁLISE DE DESEMPENHO DE REGRAS DE PRIORIDADE PARA PROGRAMAÇÃO EM FLOW SHOP COM MÚLTIPLAS MÁQUINAS E TEMPOS DE SETUP INDEPENDENTES DA SEQÜÊNCIA ! "#$ " %'&)(*&)+,.- /10.2*&4365879&4/1:.+58;.2*=?5.@A2*3B;.- C)D 5.,.5FE)5.G.+ &4- (IHJ&?,.+ /?=)5.KA:.+5MLN&OHJ5F&4E)2*EOHJ&)(IHJ/)G.- D - ;./);.& ANÁLISE DE DESEMPENHO DE REGRAS DE PRIORIDADE PARA

Leia mais

Sumário. 1.3 Identificação dos principais autores em PCR, 15. 1.4 Questões, 15

Sumário. 1.3 Identificação dos principais autores em PCR, 15. 1.4 Questões, 15 Sumário Apresentação, xiii 1 Definições e Conceitos Fundamentais, l 1.1 Sistemas de produção: conceituação, evolução e algumas importantes classificações, l 1.2 O Planejamento e Controle da Produção (PCP),

Leia mais

MÉTODOS HEURÍSTICOS PARA MINIMIZAÇÃO DO NÚMERO DE TAREFAS ATRASADAS EM FLOW SHOP PERMUTACIONAL

MÉTODOS HEURÍSTICOS PARA MINIMIZAÇÃO DO NÚMERO DE TAREFAS ATRASADAS EM FLOW SHOP PERMUTACIONAL MÉTODOS HEURÍSTICOS PARA MINIMIZAÇÃO DO NÚMERO DE TAREFAS ATRASADAS EM FLOW SHOP PERMUTACIONAL Paulo Antonio Hordones Programa de Mestrado em Gestão Organizacional Universidade Federal de Goiás Regional

Leia mais

PROGRAMAÇÃO DA PRODUÇÃO EM SISTEMAS COM MÁQUINAS PARALELAS COM TEMPOS DE SETUP SEPARADOS DOS TEMPOS DE PROCESSAMENTO

PROGRAMAÇÃO DA PRODUÇÃO EM SISTEMAS COM MÁQUINAS PARALELAS COM TEMPOS DE SETUP SEPARADOS DOS TEMPOS DE PROCESSAMENTO PROGRAMAÇÃO DA PRODUÇÃO EM SISTEMAS COM MÁQUINAS PARALELAS COM TEMPOS DE SETUP SEPARADOS DOS TEMPOS DE PROCESSAMENTO CANTIERE, Patricia Castoldi (IC/CNPq), Engenharia de Produção Agroindustrial, Faculdade

Leia mais

UM MÉTODO HEURÍSTICO INTEGRADO AO SIMULATED ANNEALING PARA A PROGRAMAÇÃO DE TAREFAS EM UMA MÁQUINA

UM MÉTODO HEURÍSTICO INTEGRADO AO SIMULATED ANNEALING PARA A PROGRAMAÇÃO DE TAREFAS EM UMA MÁQUINA UM MÉTODO HEURÍSTICO INTEGRADO AO SIMULATED ANNEALING PARA A PROGRAMAÇÃO DE TAREFAS EM UMA MÁQUINA Eder Oliveira Abensur Centro de Engenharia, Modelagem e Ciências Sociais Aplicadas, UFABC Av. dos Estados

Leia mais

METAHEURÍSTICA HÍBRIDA ALGORITMO GENÉTICO-CLUSTERING SEARCH PARA A OTIMIZAÇÃO EM SISTEMAS DE PRODUÇÃO FLOW SHOP PERMUTACIONAL

METAHEURÍSTICA HÍBRIDA ALGORITMO GENÉTICO-CLUSTERING SEARCH PARA A OTIMIZAÇÃO EM SISTEMAS DE PRODUÇÃO FLOW SHOP PERMUTACIONAL METAHEURÍSTICA HÍBRIDA ALGORITMO GENÉTICO-CLUSTERING SEARCH PARA A OTIMIZAÇÃO EM SISTEMAS DE PRODUÇÃO FLOW SHOP PERMUTACIONAL Geraldo Ribeiro Filho Faculdade Bandeirantes de Educação Superior R. Jose Correia

Leia mais

Busca Estocástica Baseada em Planejamento para Maximizar Metas em Jogos de RTS

Busca Estocástica Baseada em Planejamento para Maximizar Metas em Jogos de RTS Busca Estocástica Baseada em Planejamento para Maximizar Metas em Jogos de RTS Autor:Thiago França Naves 1, Orientador: Carlos Roberto Lopes 1 1 Programa de Pós-Graduação em Ciência da Computação Universidade

Leia mais

Uma Heurística para o Problema de Redução de Padrões de Corte

Uma Heurística para o Problema de Redução de Padrões de Corte Uma Heurística para o Problema de Redução de Padrões de Corte Marcelo Saraiva Limeira INPE/LAC e-mail: marcelo@lac.inpe.br Horacio Hideki Yanasse INPE/LAC e-mail: horacio@lac.inpe.br Resumo Propõe-se um

Leia mais

Abordagem Variable Neighborhood Search para o Problema de Seqüenciamento com Máquinas Paralelas e Tempos de

Abordagem Variable Neighborhood Search para o Problema de Seqüenciamento com Máquinas Paralelas e Tempos de Abordagem Variable Neighborhood Search para o Problema de Seqüenciamento com Máquinas Paralelas e Tempos de Preparação Dependentes da Seqüência Mateus Rocha de Paula 1, Martín Gómez Ravetti 1, Panos M.

Leia mais

FLOW SHOP HÍBRIDO COM ESTÁGIOS GARGALOS. João Vitor Moccellin. Marcelo Seido Nagano

FLOW SHOP HÍBRIDO COM ESTÁGIOS GARGALOS. João Vitor Moccellin. Marcelo Seido Nagano A pesquisa Operacional e os Recursos Renováveis 4 a 7 de novembro de 2003, Natal-RN FLOW SHOP HÍBRIDO COM ESTÁGIOS GARGALOS João Vitor Moccellin Escola de Engenharia de São Carlos, Universidade de São

Leia mais

SISTEMAS DE PRODUÇÃO MULTIESTÁGIO HÍBRIDOS COM TEMPOS DE SETUP: REVISÃO E CLASSIFICAÇÃO

SISTEMAS DE PRODUÇÃO MULTIESTÁGIO HÍBRIDOS COM TEMPOS DE SETUP: REVISÃO E CLASSIFICAÇÃO SISTEMAS DE PRODUÇÃO MULTIESTÁGIO HÍBRIDOS COM TEMPOS DE SETUP: REVISÃO E CLASSIFICAÇÃO HELIO YOCHIHIRO FUCHIGAMI () heliofuchigami@yahoo.com.br JOÃO VITOR MOCCELLIN (EESC/USP) jvmoccel@sc.usp.br Resumo:

Leia mais

TIMES ASSÍNCRONOS PARA FLOW SHOP COM BUFFERS

TIMES ASSÍNCRONOS PARA FLOW SHOP COM BUFFERS TIMES ASSÍNCRONOS PARA FLOW SHOP COM BUFFERS Márcio Antônio Ferreira Belo Filho Instituto de Ciências Matemáticas e de Computação - Universidade de São Paulo (USP) Av. Trabalhador São-carlense, 400, Caixa

Leia mais

Heurísticas para Minimização do Makespan no Problema de Sequenciamento Flowline Híbrido e Flexível

Heurísticas para Minimização do Makespan no Problema de Sequenciamento Flowline Híbrido e Flexível CENTRO FEDERAL DE EDUCAÇÃO TECNOLÓGICA DE MINAS GERAIS Diretoria de Pesquisa e Pós-Graduação Programa de Mestrado em Modelagem Matemática e Computacional Heurísticas para Minimização do Makespan no Problema

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DO CEARÁ CENTRO DE TECNOLOGIA PROGRAMA DE MESTRADO EM LOGÍSTICA E PESQUISA OPERACIONAL ANA BEATRIZ GENTIL DE FARIAS

UNIVERSIDADE FEDERAL DO CEARÁ CENTRO DE TECNOLOGIA PROGRAMA DE MESTRADO EM LOGÍSTICA E PESQUISA OPERACIONAL ANA BEATRIZ GENTIL DE FARIAS UNIVERSIDADE FEDERAL DO CEARÁ CENTRO DE TECNOLOGIA PROGRAMA DE MESTRADO EM LOGÍSTICA E PESQUISA OPERACIONAL ANA BEATRIZ GENTIL DE FARIAS SISTEMAS PRODUÇÃO FLOW SHOP HÍBRIDOS COM TEMPOS EXPLÍCITOS DE PREPARAÇÃO

Leia mais

DESENVOLVIMENTO DE UM SISTEMA DE ROTEIRIZAÇÃO DINÂMICA DE VEÍCULOS APLICADO AO SERVIÇO DE TRANSPORTE DE CADEIRANTES

DESENVOLVIMENTO DE UM SISTEMA DE ROTEIRIZAÇÃO DINÂMICA DE VEÍCULOS APLICADO AO SERVIÇO DE TRANSPORTE DE CADEIRANTES DESENVOLVIMENTO DE UM SISTEMA DE ROTEIRIZAÇÃO DINÂMICA DE VEÍCULOS APLICADO AO SERVIÇO DE TRANSPORTE DE CADEIRANTES Aristides Fraga Neto Patricia Alcantara Cardoso DESENVOLVIMENTO DE UM SISTEMA DE ROTEIRIZAÇÃO

Leia mais

DISCIPLINA: Métodos Heurísticos

DISCIPLINA: Métodos Heurísticos DISCIPLINA: Métodos Heurísticos CURSO(S): Licenciatura em Engenharia e Gestão Industrial Licenciatura em Engenharia de Sistemas e Informática Licenciatura em Matemática Aplicada Licenciatura em Matemática

Leia mais

PROGRAMAÇÃO DE TAREFAS BASEADA EM CURVAS DE APRENDIZADO PARA LINHAS DE PRODUÇÃO CUSTOMIZADAS

PROGRAMAÇÃO DE TAREFAS BASEADA EM CURVAS DE APRENDIZADO PARA LINHAS DE PRODUÇÃO CUSTOMIZADAS PROGRAMAÇÃO DE TAREFAS BASEADA EM CURVAS DE APRENDIZADO PARA LINHAS DE PRODUÇÃO CUSTOMIZADAS LEARNING CURVE-BASED SCHEDULING IN CUSTOMIZED ASSEMBLY LINES Michel J. Anzanello*E-mail:anzanello@producao.ufrgs.br

Leia mais

PLANO DE ENSINO. ATIVIDADE SEG TER QUA QUI SEX Aulas 10-12 10-12 Atendimento 13-16 13-16 Preparação de aula 14-16 14-16

PLANO DE ENSINO. ATIVIDADE SEG TER QUA QUI SEX Aulas 10-12 10-12 Atendimento 13-16 13-16 Preparação de aula 14-16 14-16 PLANO DE ENSINO 1. IDENTIFICAÇÃO Disciplina: Introdução a Otimização Combinatória Código: ICC500 Turma: CB01 URL: http://ioc-ufam.weebly.com Nº de Créditos: 4.4.0 Ano: 2015 Semestre: 1 Carga horária: 60h

Leia mais

atuação: PO; PPCP; Programação da Produção. 1 Graduada em Engenharia de Produção Agroindustrial (EPA) pela Faculdade Estadual de Ciências e Letras de

atuação: PO; PPCP; Programação da Produção. 1 Graduada em Engenharia de Produção Agroindustrial (EPA) pela Faculdade Estadual de Ciências e Letras de Programação da Produção em Sistemas de Produção Flow Shop com restrições e critérios de Flow Time e Makespan: uma análise dos trabalhos publicados no Brasil Thays J. Perassoli Boiko 1 (GEPPGO, DEP, FECILCAM)

Leia mais

Fatores de Impacto para alguns Periódicos Base JCR-2003 /ISI 1

Fatores de Impacto para alguns Periódicos Base JCR-2003 /ISI 1 Fatores de Impacto para alguns Periódicos Base JCR-2003 /ISI 1 O Journal Citation Reports (JCR) publica anualmente o índice conhecido por fator de impacto de um periódico para medir a freqüência com que

Leia mais

SEQUENCIAMENTO DE TAREFAS EM MÁQUINA DE MANUFATURA FLEXÍVEL PARA REDUZIR CUSTOS COM HORAS EXTRAS E ATRASOS DE ENTREGAS

SEQUENCIAMENTO DE TAREFAS EM MÁQUINA DE MANUFATURA FLEXÍVEL PARA REDUZIR CUSTOS COM HORAS EXTRAS E ATRASOS DE ENTREGAS SEQUENCIAMENTO DE TAREFAS EM MÁQUINA DE MANUFATURA FLEXÍVEL PARA REDUZIR CUSTOS COM HORAS EXTRAS E ATRASOS DE ENTREGAS Joaquim José da Cunha Júnior Universidade Federal de Minas Gerais Av. Presidente Antônio

Leia mais

MINIMIZANDO O NÚMERO DE DIFERENTES PADRÕES DE CORTE - UMA ABORDAGEM DE CAMINHO MÍNIMO

MINIMIZANDO O NÚMERO DE DIFERENTES PADRÕES DE CORTE - UMA ABORDAGEM DE CAMINHO MÍNIMO A pesquisa Operacional e os Recursos Renováveis 4 a 7 de novembro de 2003, Natal-RN MINIMIZANDO O NÚMERO DE DIFERENTES PADRÕES DE CORTE - UMA ABORDAGEM DE CAMINHO MÍNIMO Maria Cristina N. Gramani Universidade

Leia mais

LEONARDO JUNQUEIRA PRÊMIO ABRALOG

LEONARDO JUNQUEIRA PRÊMIO ABRALOG LEONARDO JUNQUEIRA PRÊMIO ABRALOG Documentação apresentada à Banca Examinadora do Prêmio ABRALOG como parte dos requisitos para participação do Prêmio ABRALOG (Edição 2013) na categoria Estudante de Logística.

Leia mais

REGRAS DE PRIORIDADE E CRITÉRIOS DE DESEMPENHO ADOTADOS EM PROBLEMAS DE PROGRAMAÇÃO DA PRODUÇÃO EM AMBIENTES FLOW SHOP

REGRAS DE PRIORIDADE E CRITÉRIOS DE DESEMPENHO ADOTADOS EM PROBLEMAS DE PROGRAMAÇÃO DA PRODUÇÃO EM AMBIENTES FLOW SHOP REGRAS DE PRIORIDADE E CRITÉRIOS DE DESEMPENHO ADOTADOS EM PROBLEMAS DE PROGRAMAÇÃO DA PRODUÇÃO EM AMBIENTES FLOW SHOP Me. Márcia de Fátima Morais GEPPGO, DEP-EPA, Fecilcam, marciafmorais@yahoo.com.br

Leia mais

UMA HEURÍSTICA GRASP PARA O PROBLEMA ESTENDIDO DE SEQUENCIAMENTO DE CARROS

UMA HEURÍSTICA GRASP PARA O PROBLEMA ESTENDIDO DE SEQUENCIAMENTO DE CARROS UMA HEURÍSTICA GRASP PARA O PROBLEMA ESTENDIDO DE SEQUENCIAMENTO DE CARROS Lucas Middeldorf Rizzo Universidade Federal de Minas Gerais Av. Antônio Carlos, 6627 - Pampulha - Belo Horizonte - MG CEP 31270-901

Leia mais

APLICAÇÃO DA TEORIA DE CONTROLE NA GESTÃO DE ESTOQUES DE PRODUTOS SUJEITOS A PICOS DE DEMANDA

APLICAÇÃO DA TEORIA DE CONTROLE NA GESTÃO DE ESTOQUES DE PRODUTOS SUJEITOS A PICOS DE DEMANDA APLICAÇÃO DA TEORIA DE CONTROLE NA GESTÃO DE ESTOQUES DE PRODUTOS SUJEITOS A PICOS DE DEMANDA Ricardo Ferrari Pacheco Pontifícia Universidade Católica do Paraná Programa de Pós Graduação em Engenharia

Leia mais

CADERNOS DO IME Série Estatística

CADERNOS DO IME Série Estatística CADERNOS DO IME Série Estatística Universidade do Estado do Rio de Janeiro - UERJ Rio de Janeiro RJ - Brasil ISSN 1413-9022 / v. 31, p. 01-14, 2011 ANÁLISE DE SIGNIFICÂNCIA DOS PARÂMETROS DE UM ALGORITMO

Leia mais

Aspectos Teóricos e Computacionais do Problema de Alocação de Berços em Portos Marítmos

Aspectos Teóricos e Computacionais do Problema de Alocação de Berços em Portos Marítmos Aspectos Teóricos e Computacionais do Problema de Alocação de Berços em Portos Marítmos Flávia Barbosa Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP) flaflabarbosa0@gmail.com Antônio Carlos Moretti Universidade

Leia mais

PROGRAMAÇÃO DA PRODUÇÃO FLOW SHOP PERMUTACIONAL COM MINIMIZAÇÃO DO TEMPO MÉDIO DE FLUXO

PROGRAMAÇÃO DA PRODUÇÃO FLOW SHOP PERMUTACIONAL COM MINIMIZAÇÃO DO TEMPO MÉDIO DE FLUXO PROGRAMAÇÃO DA PRODUÇÃO FLOW SHOP PERMUTACIONAL COM MINIMIZAÇÃO DO TEMPO MÉDIO DE FLUXO Marcelo Seido Nagano Faculdade de Economia, Administração e Contabilidade, Universidade de São Paulo Av. dos Bandeirantes,

Leia mais

em torno do Planeamento da Produção e da Gestão de Operações

em torno do Planeamento da Produção e da Gestão de Operações workshop Competir e Inovar na Gestão em torno do Planeamento da Produção e da Gestão de Operações Jorge Pinho de Sousa (jsousa@inescporto.pt) Fevereiro 2008 agenda 1. planeamento e escalonamento de operações

Leia mais

Exacta ISSN: Universidade Nove de Julho Brasil

Exacta ISSN: Universidade Nove de Julho Brasil Exacta ISSN: 1678-5428 exacta@uninove.br Universidade Nove de Julho Brasil Fuchigami, Helio Yochihiro; Moccellin, João Vitor Estudo da influência da programação do primeiro estágio em flow shop híbridos

Leia mais

Uma Heurística Gulosa para o Problema de Bin Packing Bidimensional

Uma Heurística Gulosa para o Problema de Bin Packing Bidimensional Uma Heurística Gulosa para o Problema de Bin Packing Bidimensional Leandro Dias Costa, Luiz da Silva Rosa e Marcelo Lisboa Rocha Departamento de Ciência da Computação Fundação UNIRG Alameda Madrid Nº 545,

Leia mais

SIMULAÇÃO COMPUTACIONAL DO SISTEMA DE EMISSÃO DE ORDENS TWO-BOUNDARY CONTROL APLICADA A UMA EMPRESA AUTOMOBILÍSTICA

SIMULAÇÃO COMPUTACIONAL DO SISTEMA DE EMISSÃO DE ORDENS TWO-BOUNDARY CONTROL APLICADA A UMA EMPRESA AUTOMOBILÍSTICA SIMULAÇÃO COMPUTACIONAL DO SISTEMA DE EMISSÃO DE ORDENS TWO-BOUNDARY CONTROL APLICADA A UMA EMPRESA AUTOMOBILÍSTICA AMANDA CRISTIE NOBRE (UFG-RC) amandacristienobre@hotmail.com Stella Jacyszyn Bachega

Leia mais

Além de minimizar o número de objetos processados, problema de corte unidimensional

Além de minimizar o número de objetos processados, problema de corte unidimensional imização do número de objetos processados e do setup no problema de corte unidimensional Márcia Ap. Gomes-Ruggiero, Antonio Carlos Moretti, Momoe Sakamori Depto de Matemática Aplicada, DMA, IMECC, UNICAMP,

Leia mais

UM MODELO PARA A PROGRAMAÇÃO HEURÍSTICA DE PROJETOS DE CONSTRUÇÃO CONSIDERANDO O VALOR DO DINHEIRO NO TEMPO

UM MODELO PARA A PROGRAMAÇÃO HEURÍSTICA DE PROJETOS DE CONSTRUÇÃO CONSIDERANDO O VALOR DO DINHEIRO NO TEMPO UM MODELO PARA A PROGRAMAÇÃO HEURÍSTICA DE PROJETOS DE CONSTRUÇÃO CONSIDERANDO O VALOR DO DINHEIRO NO TEMPO ICHIHARA, Jorge de Araújo (1) (1) Eng. Civil, Doutor em Engenharia, Docente do NUHAM - DCC/CT/UFPA

Leia mais

UM NOVO LIMITANTE INFERIOR PARA O PROBLEMA DE MINIMIZAÇÃO DE TROCAS DE FERRAMENTAS

UM NOVO LIMITANTE INFERIOR PARA O PROBLEMA DE MINIMIZAÇÃO DE TROCAS DE FERRAMENTAS UM NOVO LIMITANTE INFERIOR PARA O PROBLEMA DE MINIMIZAÇÃO DE TROCAS DE FERRAMENTAS Horacio Hideki Yanasse Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais Avenida dos Astronautas 1758, São José dos Campos, SP

Leia mais

Análise do desempenho de variações de uma formulação linear para o. O problema de minimização do número máximo de pilhas abertas é um problema

Análise do desempenho de variações de uma formulação linear para o. O problema de minimização do número máximo de pilhas abertas é um problema Análise do desempenho de variações de uma formulação linear para o problema de minimização do número máximo de pilhas abertas Claudia Fink Instituto de Ciências Matemáticas e de Computação, USP, 13560-970,

Leia mais

APLICAÇÃO DE MÉTODOS HEURÍSTICOS EM PROBLEMA DE ROTEIRIZAÇÃO DE VEICULOS

APLICAÇÃO DE MÉTODOS HEURÍSTICOS EM PROBLEMA DE ROTEIRIZAÇÃO DE VEICULOS APLICAÇÃO DE MÉTODOS HEURÍSTICOS EM PROBLEMA DE ROTEIRIZAÇÃO DE VEICULOS Bianca G. Giordani (UTFPR/MD ) biancaggiordani@hotmail.com Lucas Augusto Bau (UTFPR/MD ) lucas_bau_5@hotmail.com A busca pela minimização

Leia mais

Apoio à Decisão Gerencial na Alocação de Recursos Humanos em Projetos de Software Ahilton Silva Barreto ahilton@cos.ufrj.br

Apoio à Decisão Gerencial na Alocação de Recursos Humanos em Projetos de Software Ahilton Silva Barreto ahilton@cos.ufrj.br Apoio à Decisão Gerencial na Alocação de Recursos Humanos em Projetos de Software Ahilton Silva Barreto ahilton@cos.ufrj.br Orientadores: Márcio de Oliveira Barros e Cláudia Maria Lima Werner {marcio,

Leia mais

MINIMIZAÇÃO DE TROCA DE FERRAMENTAS NUMA MÁQUINA CNC: APLICAÇÃO DE UMA HEURÍSTICA GULOSA A UM CASO REAL

MINIMIZAÇÃO DE TROCA DE FERRAMENTAS NUMA MÁQUINA CNC: APLICAÇÃO DE UMA HEURÍSTICA GULOSA A UM CASO REAL MINIMIZAÇÃO DE TROCA DE FERRAMENTAS NUMA MÁQUINA CNC: APLICAÇÃO DE UMA HEURÍSTICA GULOSA A UM CASO REAL Joaquim José da Cunha Júnior Graduação em Engenharia de Produção Universidade Federal de Minas Gerais

Leia mais

Classificação: Determinístico

Classificação: Determinístico Prof. Lorí Viali, Dr. viali@pucrs.br http://www.pucrs.br/famat/viali/ Da mesma forma que sistemas os modelos de simulação podem ser classificados de várias formas. O mais usual é classificar os modelos

Leia mais

IN0997 - Redes Neurais

IN0997 - Redes Neurais IN0997 - Redes Neurais Aluizio Fausto Ribeiro Araújo Universidade Federal de Pernambuco Centro de Informática - CIn Departamento de Sistemas da Computação aluizioa@cin.ufpe.br Conteúdo Objetivos Ementa

Leia mais

DESEMPENHO RELATIVO DE REGRAS DE PRIORIDADE PARA PROGRAMAÇÃO DE FLOW SHOP HÍBRIDO COM TEMPOS DE SETUP

DESEMPENHO RELATIVO DE REGRAS DE PRIORIDADE PARA PROGRAMAÇÃO DE FLOW SHOP HÍBRIDO COM TEMPOS DE SETUP DESEMPENHO RELATIVO DE REGRAS DE PRIORIDADE PARA PROGRAMAÇÃO DE FLOW SHOP HÍBRIDO COM TEMPOS DE SETUP RELATIVE PERFORMANCE OF PRIORITY RULES FOR HYBRID FLOW SHOP SCHEDULING WITH SETUP TIMES Hélio Yochihiro

Leia mais

O Problema do k-servidor

O Problema do k-servidor Autor: Mário César San Felice Orientador: Orlando Lee 22 de março de 2010, IC-Unicamp Estrutura A seguir temos a estrutura geral da dissertação. Otimização combinatória Computação online Análise competitiva

Leia mais

Planejamento e Controle da Produção

Planejamento e Controle da Produção Planejamento e Controle da Produção Introdução - Sistema de PCP - Previsão da demanda - Planejamento da produção Gerência de Estoques - Lote Econômico - Plano de Produção Gerência de Projetos - CPM - PERT

Leia mais

Novas regras de prioridade para programação em flexible flow line com tempos de setup explícitos

Novas regras de prioridade para programação em flexible flow line com tempos de setup explícitos Production, v. 25, n. 4, p. 779-790, out./dez. 2015 http://dx.doi.org/10.1590/0103-6513.089212 Novas regras de prioridade para programação em flexible flow line com tempos de setup explícitos Hélio Yochihiro

Leia mais

GRASP COM RECONEXÃO POR CAMINHOS PARA O PROBLEMA EIXO-RAIO COM ALOCAÇÃO SIMPLES

GRASP COM RECONEXÃO POR CAMINHOS PARA O PROBLEMA EIXO-RAIO COM ALOCAÇÃO SIMPLES a 8/09 GRASP COM RECONEXÃO POR CAMINHOS PARA O PROBLEMA EIXO-RAIO COM ALOCAÇÃO SIMPLES Alexandre Xavier Martins xmartins@decea.ufop.br Yasmine de Melo Costa yasmine_melo@yahoo.com.br Departamento de Engenharia

Leia mais

EA 044 Planejamento e Análise de Sistemas de Produção Introdução

EA 044 Planejamento e Análise de Sistemas de Produção Introdução EA 044 Planejamento e Análise de Sistemas de Produção Introdução ProfFernandoGomide Pesquisa Operacional O que é estudo de como formular e construir modelos matemáticos de decisão problemas de engenharia

Leia mais

BUFFA, E. S.; SARIN, R. K. Modern Production / Operations Management. John Wiley and Sons, 1987.

BUFFA, E. S.; SARIN, R. K. Modern Production / Operations Management. John Wiley and Sons, 1987. 83 Referências Bibliográficas AKTURK, M. S.; ERHUM, F. Overview of design and operational issues of kanban systems. International Journal of Production Research, Vol. 37, n.17, p. 3859-3881, 1999. ANTUNES,

Leia mais

ALGORITMO INTERATIVO PARA O PROBLEMA DE EMPACOTAMENTO UNIDIMENSIONAL

ALGORITMO INTERATIVO PARA O PROBLEMA DE EMPACOTAMENTO UNIDIMENSIONAL ALGORITMO INTERATIVO PARA O PROBLEMA DE EMPACOTAMENTO UNIDIMENSIONAL Thais Andrea Baldissera Frazzon thais@inf.ufsm.br Mestranda no Programa de Pós-Graduação em Engenharia de Produção Universidade Federal

Leia mais

MINIMIZAÇÃO DOS TEMPOS DE ATRASO NA PROGRAMAÇÃO DE TAREFAS EM UMA EMPRESA DE DESENVOLVIMENTO DE SOFTWARES

MINIMIZAÇÃO DOS TEMPOS DE ATRASO NA PROGRAMAÇÃO DE TAREFAS EM UMA EMPRESA DE DESENVOLVIMENTO DE SOFTWARES MINIMIZAÇÃO DOS TEMPOS DE ATRASO NA PROGRAMAÇÃO DE TAREFAS EM UMA EMPRESA DE DESENVOLVIMENTO DE SOFTWARES MINIMIZING TOTAL TARDINESS IN A SOFTWARE DEVELOPING COMPANY Icaro Paulo Ludwig* - E-mail: icaroludwig@gmail.com

Leia mais

HEURÍSTICAS RELAX-AND-FIX PARA O PROBLEMA DE DIMENSIONAMENTO DE LOTES COM JANELAS DE TEMPO DE PRODUÇÃO

HEURÍSTICAS RELAX-AND-FIX PARA O PROBLEMA DE DIMENSIONAMENTO DE LOTES COM JANELAS DE TEMPO DE PRODUÇÃO HEURÍSTICAS RELAX-AND-FIX PARA O PROBLEMA DE DIMENSIONAMENTO DE LOTES COM JANELAS DE TEMPO DE PRODUÇÃO Lívia Chierice Corrêa Moraes Maristela Oliveira Santos Universidade de São Paulo - Instituto de Ciências

Leia mais

Problema de alocação de salas de aulas: uma abordagem via algoritmos genéticos

Problema de alocação de salas de aulas: uma abordagem via algoritmos genéticos III Encontro de Modelagem Computacional Problema de alocação de salas de aulas: uma abordagem via algoritmos genéticos Marco Aurélio Buono Carone- thecoreh@gmail.com Vinícius Tinti de Paula Oliveira- viniciustinti@gmail.com

Leia mais

Planejamento e Controle da Produção I

Planejamento e Controle da Produção I Planejamento e Controle da Produção I Sequenciamento e Emissão de Ordens Prof. M.Sc. Gustavo Meireles 2012 Gustavo S. C. Meireles 1 Introdução Programação da produção: define quanto e quando comprar, fabricar

Leia mais

OTIMIZAÇÃO DA PROGRAMAÇÃO E SEQUENCIAMENTO DA PRODUÇÃO EM UM TRATAMENTO TÉRMICO COM A UTILIZAÇÃO DE SISTEMAS DE CAPACIDADE FINITA

OTIMIZAÇÃO DA PROGRAMAÇÃO E SEQUENCIAMENTO DA PRODUÇÃO EM UM TRATAMENTO TÉRMICO COM A UTILIZAÇÃO DE SISTEMAS DE CAPACIDADE FINITA OTIMIZAÇÃO DA PROGRAMAÇÃO E SEQUENCIAMENTO DA PRODUÇÃO EM UM TRATAMENTO TÉRMICO COM A UTILIZAÇÃO DE SISTEMAS DE CAPACIDADE FINITA Izabel C. Zattar, Carlos M. Sacchelli, M. Eng. Instituto Superior de Tecnologia

Leia mais

ANÁLISE DE PRÉ-PROCESSAMENTO NO DESEMPENHO DE PREVISÃO DE SÉRIES TEMPORAIS FINANCEIRAS

ANÁLISE DE PRÉ-PROCESSAMENTO NO DESEMPENHO DE PREVISÃO DE SÉRIES TEMPORAIS FINANCEIRAS Universidade Federal de Pernambuco Centro de Informática Graduação em Ciência da Computação ANÁLISE DE PRÉ-PROCESSAMENTO NO DESEMPENHO DE PREVISÃO DE SÉRIES TEMPORAIS FINANCEIRAS PROPOSTA DE TRABALHO DE

Leia mais

Aplicação da Heurística Relax-and-Fix no Problema de Dimensionamento e Sequenciamento de Lotes de Produção em Máquinas Distintas em Paralelo

Aplicação da Heurística Relax-and-Fix no Problema de Dimensionamento e Sequenciamento de Lotes de Produção em Máquinas Distintas em Paralelo Aplicação da Heurística Relax-and-Fix no Problema de Dimensionamento e Sequenciamento de Lotes de Produção em Máquinas Distintas em Paralelo Márcio S. Kawamura Departamento de Engenharia de Produção, EPUSP,

Leia mais

UTILIZAÇÃO DE PLANILHA ELETRÔNICA NA RESOLUÇÃO DE PROBLEMAS DE PLANEJAMENTO E PROGRAMAÇÃO DA PRODUÇÃO

UTILIZAÇÃO DE PLANILHA ELETRÔNICA NA RESOLUÇÃO DE PROBLEMAS DE PLANEJAMENTO E PROGRAMAÇÃO DA PRODUÇÃO Anais do XXXIV COBENGE. Passo Fundo: Ed. Universidade de Passo Fundo, Setembro de 2006. ISBN 85-755-37-4 UTILIZAÇÃO DE PLANILHA ELETRÔNICA NA RESOLUÇÃO DE PROBLEMAS DE PLANEJAMENTO E PROGRAMAÇÃO DA PRODUÇÃO

Leia mais

Auxílio à distribuição geográca de recursos utilizando mineração de dados e aprendizado de máquina. M. G. Oliveira

Auxílio à distribuição geográca de recursos utilizando mineração de dados e aprendizado de máquina. M. G. Oliveira Auxílio à distribuição geográca de recursos utilizando mineração de dados e aprendizado de máquina M. G. Oliveira Technical Report - RT-INF_001-11 - Relatório Técnico June - 2011 - Junho The contents of

Leia mais

Proposta de uma metodologia geral para classificação e codificação de artigos e análise de um determinado tema de pesquisa

Proposta de uma metodologia geral para classificação e codificação de artigos e análise de um determinado tema de pesquisa Revista de Biblioteconomia de Brasília, v. 25, n.2, p. 181-196, 2001 Proposta de uma metodologia geral para classificação e codificação de artigos e análise de um determinado tema de pesquisa Moacir Godinho

Leia mais

Otimização Aplicada à Engenharia de Processos

Otimização Aplicada à Engenharia de Processos Otimização Aplicada à Engenharia de Processos Aula 1: Introdução Felipe Campelo http://www.cpdee.ufmg.br/~fcampelo Programa de Pós-Graduação em Engenharia Elétrica Belo Horizonte Março de 2013 Antes de

Leia mais

Elbio Renato Torres Abib. Escalonamento de Tarefas Divisíveis em Redes Estrela MESTRADO. Informática DEPARTAMENTO DE INFORMÁTICA

Elbio Renato Torres Abib. Escalonamento de Tarefas Divisíveis em Redes Estrela MESTRADO. Informática DEPARTAMENTO DE INFORMÁTICA Elbio Renato Torres Abib Escalonamento de Tarefas Divisíveis em Redes Estrela DISSERTAÇÃO DE MESTRADO DEPARTAMENTO DE INFORMÁTICA Programa de Pós graduação em Informática Rio de Janeiro Junho de 2004 Elbio

Leia mais

REVISÃO DE HEURÍSTICAS PARA MINIMIZAÇÃO DO TEMPO DE FLUXO EM SISTEMAS FLOW SHOP COM TEMPOS DE SETUP

REVISÃO DE HEURÍSTICAS PARA MINIMIZAÇÃO DO TEMPO DE FLUXO EM SISTEMAS FLOW SHOP COM TEMPOS DE SETUP 19 CAPÍTULO REVISÃO DE HEURÍSTICAS PARA MINIMIZAÇÃO DO TEMPO DE FLUXO EM SISTEMAS FLOW SHOP COM TEMPOS DE SETUP Fernanda Neiva Mesquita 1 Hélio Yochihiro Fuchigami 1, 2 Resumo: Este trabalho aborda problemas

Leia mais

Problema de roteirização de veículos com janelas de tempo: revisão da literatura

Problema de roteirização de veículos com janelas de tempo: revisão da literatura XIII SIMPEP - Baur SP, Brasil, 6 a 8 de Novembro de 006 Problema de roteirização de veículos com janelas de tempo: revisão da literatura Patrícia Prado Belfiore (Centro Universitário da FEI) patricia.belfiore@fei.edu.br

Leia mais

Hugo Miguel Gomes Tavares. Estudo e Análise do Sequenciamento de Tarefas de Produção: JOB SHOP SCHEDULING

Hugo Miguel Gomes Tavares. Estudo e Análise do Sequenciamento de Tarefas de Produção: JOB SHOP SCHEDULING Instituto Politécnico do Porto Escola Superior de Estudos Industriais e de Gestão Hugo Miguel Gomes Tavares Estudo e Análise do Sequenciamento de Tarefas de Produção: JOB SHOP SCHEDULING Dissertação de

Leia mais

ANAIS LINHAS DE MONTAGEM: TENDÊNCIAS, LACUNAS E PERSPECTIVAS FUTURAS DE PESQUISA

ANAIS LINHAS DE MONTAGEM: TENDÊNCIAS, LACUNAS E PERSPECTIVAS FUTURAS DE PESQUISA LINHAS DE MONTAGEM: TENDÊNCIAS, LACUNAS E PERSPECTIVAS FUTURAS DE PESQUISA GLAUCO GARCIA MARTINS PEREIRA DA SILVA ( glauco@deps.ufsc.br, glaucogmpsilva@gmail.com ) DEPARTAMENTO DE ENGENHARIA DE PRODUÇÃO

Leia mais

Anais do XIX Congresso Brasileiro de Automática, CBA 2012.

Anais do XIX Congresso Brasileiro de Automática, CBA 2012. Anais do XIX Congresso Brasileiro de Automática, CBA 2012. UM ALGORITMO BASEADO EM ESTRATE GIAS EVOLUTIVAS PARA MINIMIZAC A O DO MAKESPAN NO PROBLEMA DE SEQUENCIAMENTO FLOWSHOP HI BRIDO E FLEXI VEL Eduardo

Leia mais

PROGRAMAÇÃO DA PRODUÇÃO EM FLOW SHOP PERMUTACIONAL COM RESTRIÇÕES ADICIONAIS E CRITÉRIO DE MAKESPAN

PROGRAMAÇÃO DA PRODUÇÃO EM FLOW SHOP PERMUTACIONAL COM RESTRIÇÕES ADICIONAIS E CRITÉRIO DE MAKESPAN PROGRAMAÇÃO DA PRODUÇÃO EM FLOW SHOP PERMUTACIONAL COM RESTRIÇÕES ADICIONAIS E CRITÉRIO DE MAKESPAN TSUJIGUCHI, Lucas T. A. IC, Fecilcam, Fuação Araucária, Engenharia de Produção Agroiustrial, Fecilcam,

Leia mais

SISTEMA LOGÍSTICO DE APOIO À DECISÃO NAS OPERAÇÕES DE TRANSFERÊNCIA DE DERIVADOS DA REDE DE DUTOS DA PETROBRAS

SISTEMA LOGÍSTICO DE APOIO À DECISÃO NAS OPERAÇÕES DE TRANSFERÊNCIA DE DERIVADOS DA REDE DE DUTOS DA PETROBRAS 1 de 7 26/6/2009 16:33 SISTEMA LOGÍSTICO DE APOIO À DECISÃO NAS OPERAÇÕES DE TRANSFERÊNCIA DE DERIVADOS DA REDE DE DUTOS DA PETROBRAS Suelen Neves Boschetto, Flávio Neves Jr CPGEI Universidade Tecnológica

Leia mais

SOLUÇÃO DO RESOURCE-CONSTRAINED PROJECT SCHEDULING PROBLEM MEDIANTE HEURÍSTICAS DE PROGRAMAÇÃO BASEADAS EM REGRAS DE PRIORIDADE

SOLUÇÃO DO RESOURCE-CONSTRAINED PROJECT SCHEDULING PROBLEM MEDIANTE HEURÍSTICAS DE PROGRAMAÇÃO BASEADAS EM REGRAS DE PRIORIDADE SOLUÇÃO DO RESOURCE-CONSTRAINED PROJECT SCHEDULING PROBLEM MEDIANTE HEURÍSTICAS DE PROGRAMAÇÃO BASEADAS EM REGRAS DE PRIORIDADE Jorge de Araújo Ichihara, D.Eng. Programa de Pós-Graduação em Engenharia

Leia mais

Projeto em Cadeia de Suprimento

Projeto em Cadeia de Suprimento Projeto em Cadeia de Suprimento Marcius Fabius Henriques de Carvalho (CenPRA) marcius.carvalho@cenpra.gov.br Elder de Oliveira Rodrigues (Unicamp) elderr@fem.unicamp.br Resumo Para manter a competitividade

Leia mais

XLVI Pesquisa Operacional na Gestão da Segurança Pública

XLVI Pesquisa Operacional na Gestão da Segurança Pública UMA ANÁLISE DE ESTUDOS DE CASOS EM SEQUENCIAMENTO DA PRODUÇÃO Hélio Yochihiro Fuchigami Departamento de Matemática / Matemática Industrial Universidade Federal de Goiás Campus Catalão Av. Dr. Lamartine

Leia mais

ALGORITMOS GENÉTICOS: UMA VISÃO EXPLANATÓRIA

ALGORITMOS GENÉTICOS: UMA VISÃO EXPLANATÓRIA 136 ALGORITMOS GENÉTICOS: UMA VISÃO EXPLANATÓRIA FILITTO, Danilo 1 Resumo: Os algoritmos Genéticos inspiram-se no processo de evolução natural e são utilizados para resolver problemas de busca e otimização

Leia mais

Integração entre Sistemas de Seqüenciamento e ERP para solução de problemas de alteração de ordens de produção devido a eventos inesperados

Integração entre Sistemas de Seqüenciamento e ERP para solução de problemas de alteração de ordens de produção devido a eventos inesperados Integração entre Sistemas de Seqüenciamento e ERP para solução de problemas de alteração de ordens de produção devido a eventos inesperados Helio Galvão Ciffoni, Ramon Hoshino & Walid Nicolas Assad Malisoft

Leia mais

Capítulo 1. Introdução

Capítulo 1. Introdução Capítulo 1 Introdução 1.1. Enquadramento geral O termo job shop é utilizado para designar o tipo de processo onde é produzido um elevado número de artigos diferentes, normalmente em pequenas quantidades

Leia mais

Advanced Planning and Scheduling

Advanced Planning and Scheduling Advanced Planning and Scheduling Por Soraya Oliveira e Raquel Flexa A importância do planejamento Uma cadeia de suprimentos é composta por diversos elos conectados que realizam diferentes processos e atividades

Leia mais

CLASSIFICAÇÃO DE SISTEMAS DE PRODUÇÃO: UMA ABORDAGEM DE ENGENHARIA DE PRODUÇÃO

CLASSIFICAÇÃO DE SISTEMAS DE PRODUÇÃO: UMA ABORDAGEM DE ENGENHARIA DE PRODUÇÃO CLASSIFICAÇÃO DE SISTEMAS DE PRODUÇÃO: UMA ABORDAGEM DE ENGENHARIA DE PRODUÇÃO Me. Thays Josyane Perassoli Boiko, GP GEPPGO, Engenharia de Produção Agroindustrial, Fecilcam, thaysperassoli@bol.com.br Lucas

Leia mais

Estratégia bi-critério para um problema de escalabilidade em computação nas nuvens

Estratégia bi-critério para um problema de escalabilidade em computação nas nuvens Estratégia bi-critério para um problema de escalabilidade em computação nas nuvens Marco Túlio Reis Rodrigues Institut Supérieur d Informatique, de Modélisation et de leurs Applications Clermont-Ferrand,

Leia mais

Um Simulador para Avaliação da Antecipação de Tarefas em Sistemas Gerenciadores de Workflow

Um Simulador para Avaliação da Antecipação de Tarefas em Sistemas Gerenciadores de Workflow Um Simulador para Avaliação da Antecipação de Tarefas em Sistemas Gerenciadores de Workflow Resumo. A fim de flexibilizar o fluxo de controle e o fluxo de dados em Sistemas Gerenciadores de Workflow (SGWf),

Leia mais

GRASP E ILS APLICADOS AO PROBLEMA DE PROGRAMAÇÃO DE TAREFAS EM MÁQUINAS PARALELAS

GRASP E ILS APLICADOS AO PROBLEMA DE PROGRAMAÇÃO DE TAREFAS EM MÁQUINAS PARALELAS CENTRO FEDERAL DE EDUCAÇÃO TECNOLÓGICA DE MINAS GERAIS Diretoria de Pesquisa e Pós-Graduação Programa de Mestrado em Modelagem Matemática e Computacional GRASP E ILS APLICADOS AO PROBLEMA DE PROGRAMAÇÃO

Leia mais

MÉTODOS EFICIENTES PARA A SOLUÇÃO DE PROBLEMAS DE ROTEAMENTO DE VEÍCULOS XVI ONPCE - 2014

MÉTODOS EFICIENTES PARA A SOLUÇÃO DE PROBLEMAS DE ROTEAMENTO DE VEÍCULOS XVI ONPCE - 2014 MÉTODOS EFICIENTES PARA A SOLUÇÃO DE PROBLEMAS DE ROTEAMENTO DE VEÍCULOS XVI ONPCE - 2014 LUIZ SATORU OCHI Professor Titular Instituto de Computação Universidade Federal Fluminense (IC-UFF) http://www.ic.uff.br/~satoru

Leia mais

Universidade Federal de Goiás Escola de Engenharia Elétrica e de Computação Laboratório de Máquinas Especiais

Universidade Federal de Goiás Escola de Engenharia Elétrica e de Computação Laboratório de Máquinas Especiais Aspectos Relacionados ao Acionamento e Controle de Velocidade de um Motor Linear a Relutância Variável. MARIANO, Rodrigo Leandro; SANTOS, Euler Bueno. Universidade Federal de Goiás Escola de Engenharia

Leia mais

Introdução às Redes Neurais Artificiais

Introdução às Redes Neurais Artificiais Introdução às Redes Neurais Artificiais Treinamento via Algoritmos Genéticos Prof. João Marcos Meirelles da Silva http://www.professores.uff.br/jmarcos Departamento de Engenharia de Telecomunicações Escola

Leia mais

PROGRAMAÇÃO DA PRODUÇÃO - SIMULADOR DE REGRAS DE SEQÜÊNCIAÇÃO

PROGRAMAÇÃO DA PRODUÇÃO - SIMULADOR DE REGRAS DE SEQÜÊNCIAÇÃO PROGRAMAÇÃO DA PRODUÇÃO - SIMULADOR DE REGRAS DE SEQÜÊNCIAÇÃO Renato de Oliveira Moraes UNIP Universidade Paulista Rua Bacelar, 1212 Vila Clementino São Paulo, SP Cep 04026-002 e-mail: renato.moraes@ perceptron.com.br

Leia mais

M O D E L O E U R O P E U D E

M O D E L O E U R O P E U D E M O D E L O E U R O P E U D E C U R R I C U L U M V I T A E INFORMAÇÃO PESSOAL Nome Morada MANUEL DIAS FERREIRA LIMA, RUI 50, Rua José Maria Rodrigues, 4710-080 BRAGA, Gualtar, PORTUGAL Telefone +351 939741239

Leia mais

SIMULAÇÃO APLICADA EM PROJETOS DE LINHAS DE MONTAGEM COM PALLETS RETORNÁVEIS 1

SIMULAÇÃO APLICADA EM PROJETOS DE LINHAS DE MONTAGEM COM PALLETS RETORNÁVEIS 1 SIMULAÇÃO APLICADA EM PROJETOS DE LINHAS DE MONTAGEM COM PALLETS RETORNÁVEIS 1 Leonardo Chwif Sinopse Simulate Tecnologia de Simulação Ltda Travessa R, n o 400, sala 19, Prédio Cietec 05508-900, São Paulo,

Leia mais

Instituto de Computação, Universidade Federal do Amazonas (UFAM) Manaus-AM, Brasil

Instituto de Computação, Universidade Federal do Amazonas (UFAM) Manaus-AM, Brasil Elicitação de Requisitos a partir de Modelos de Processos de Negócio e Modelos Organizacionais: Uma pesquisa para definição de técnicas baseadas em heurísticas Marcos A. B. de Oliveira 1, Sérgio R. C.

Leia mais