04 / março / 2012 ARQUITETO INSTRUÇÕES:

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "04 / março / 2012 ARQUITETO INSTRUÇÕES:"

Transcrição

1 MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE TECNOLÓGICA FEDERAL DO PARANÁ COMISSÃO PERMANENTE DE CONCURSO PÚBLICO CONCURSO PÚBLICO 04 / março / 2012 CATEGORIA FUNCIONAL: ARQUITETO INSTRUÇÕES: 1. Confira se os dados que identificam este caderno de prova estão corretos. 2. O caderno de provas deverá conter 40 (quarenta) questões, assim distribuídas: 10 de Língua Portuguesa, 10 de Raciocínio Lógico e 20 de Conhecimentos Específicos. 3. A duração da prova será de 3h (três horas), incluindo o preenchimento da folha de respostas. 4. A interpretação das questões é parte integrante da prova, não sendo, portanto, permitidas perguntas aos fiscais. 5. A prova é INDIVIDUAL, sendo vetada a comunicação entre os candidatos durante sua realização. 6. Será eliminado o candidato que utilizar material de consulta ou qualquer sistema de comunicação. 7. Em cada questão há somente uma resposta correta. 8. A folha de respostas deve ser entregue ao fiscal. 9. O candidato só poderá entregar a folha de respostas e retirar-se da sala, depois de decorrida, no mínimo, 1 hora do início das provas. 10. O candidato poderá levar o caderno de prova somente após decorridas 2 horas do início da mesma. 11. Ao receber sua folha de respostas, aja da seguinte forma: a) verifique se os dados pré-impressos estão corretos; b) assine no local indicado; c) não a amasse, nem dobre; d) pinte, preenchendo por inteiro, com caneta esferográfica ponta média, tinta azul-escura ou preta, preenchendo assim o campo correspondente à alternativa que considera correta em cada questão. OBS.: marcar mais de uma alternativa anulará a resposta. 12. Os dois últimos candidatos de cada sala deverão entregar suas folhas de respostas e retirar-se da sala simultaneamente.

2 2 / UTFPR - Concurso Público - Edital 006/2012 LÍNGUA PORTUGUESA Questão 01 Considere o uso da norma padrão escrita e escolha a melhor redação. A) Era manhã de domingo e todos estávamos à espera da missa cuja celebração se daria em campo aberto. Era a primeira vez que padre Albano faria a celebração campal e estava preocupado com a chuva, sempre presente no verão quando costumava atrapalhar todos os encontros sociais de nossa pequena cidade, em cuja toda a comunidade vivia harmoniosamente, pois faziam anos que não tínhamos crimes. B) Convido Vossa Senhoria, Senhor Governador, para entregar a faixa de miss a senhorita escolhida em concurso para representar este estado. Cremos que vós, sempre disposto a colaborar com as ações culturais, não vos furtareis a esse momento também estético de abrilhantar esse encontro cidadão com vossa prestigiosa pessoa a quem o povo tanto admira e respeita. C) A reflexão, salvo argumento em contrário, representa a manutenção da profundidade do ser naquilo que cada um tem de mais original e único. A não reflexão, portanto, se aproxima da banalidade e da superficialidade, ou seja, é reveladora daquilo que os seres tem em comum: a sua aparência. Logo, não refletir significa aproximar o homem do animal onde o instinto predomina sobre a razão da qual depende a humanidade para sobreviver. D) Os policiais, depois de muitas diligências, prenderam ontem o famoso, mas ainda não conhecido fisicamente do público, traficante De Véspera. O nome com que ficou conhecido se deve ao fato de o referido sempre avisar as gangues com que atuava um dia antes de qualquer batida policial. Desse modo, a polícia nunca conseguia deitar mãos aos facínoras, até que o delegado conseguiu infiltrar alguém na organização do criminoso. E) O serviço público desde que passou a ser regido por concurso público de ingresso, tem melhorado sua qualidade técnica. No passado esse espaço de trabalho era manipulado politicamente para acomodar apadrinhados, o que hoje continua existindo, porém nas funções comissionadas e de mais alto escalão, com o que se costumou denominar de cargo de confiança. Percebe-se, portanto, ainda os desvios nessa atividade que deveria ser exemplo de lisura. TEXTO PARA AS QUESTÕES 02, 03, 04 E 05. Servidor público federal pode perder aposentadoria integral Priscilla Mendes, do R7, em Brasília Tramita na Câmara dos Deputados projeto de lei que poderá por fim a uma invejável regalia dos servidores públicos federais: a aposentadoria integral. Caso seja aprovada, a norma vai limitar o valor dos benefícios a R$ 3.689,66 e quem quiser ganhar mais terá de contribuir com um fundo de previdência complementar. O projeto (PL 1992/07) foi aprovado [...] pela Comissão de Trabalho, Administração e Serviço Público, onde estava parado desde Da forma como está, o texto cria a Funpresp (Fundação da Previdência Complementar do Servidor Público Federal), a qual todos os servidores públicos federais terão que aderir caso queiram receber uma aposentadoria mais gorda no futuro. A ideia é reduzir o prejuízo causado todos os anos à previdência. Segundo dados do Ministério da Previdência Social, os 950 mil servidores públicos federais geraram rombo de R$ 51 bilhões em O valor é R$ 8 bilhões superior ao déficit provocado pelos 24 milhões de aposentados brasileiros que trabalham com carteira assinada chamados celetistas e que desfrutam do Regime Geral de Previdência Social, cujo teto é R$ 3.689,66. O novo regime abrangeria todos os servidores públicos federais, titulares de cargo efetivo da União, suas autarquias e fundações, inclusive para os membros do Poder Judiciário, do Ministério Público e do TCU (Tribunal de Contas da União). Quem optar pelo novo regime vai receber dois benefícios complementares quando se aposentar: um do órgão empregador, até o limite do INSS (Instituto Nacional de Seguridade Social), e outro da Funpresp, decorrente das contribuições feitas a partir da adesão. Durante a votação na Comissão de Trabalho, 12 destaques (propostas de alteração do projeto) foram apresentados, mas todos acabaram rejeitados pelo colegiado. O assunto, porém, não é consensual entre os deputados.

3 Arquiteto / 3 O relator, Silvio Costa (PTB-PE) que também preside a comissão acredita que o projeto é o início da reforma tributária tão aguardada pela sociedade. Em entrevista ao R7, ele explicou que a medida não atinge os funcionários públicos atuais. A previdência é um assunto que a gente tem que resolver urgentemente até para, no futuro, termos caixa para pagar as aposentadorias desses servidores. O projeto aprovado não prejudica nenhum atual servidor, até porque a lei não pode ser retroativa. Já a deputada Andrea Zito (PSDB-RJ) teme que a medida torne os cargos públicos menos atraentes. Ao equiparar trabalhadores do setor privado que não recebem FGTS [Fundo de Garantia do Tempo de Serviço], participação nos resultados e outros direitos trabalhistas dos celetistas, o projeto tornará os cargos públicos pouco atraentes. Costa não concorda. O relator diz que qualquer trabalhador com carteira assinada trocaria seus benefícios como FGTS e participação nos lucros da empresa pela estabilidade do serviço público. Os servidores federais têm essa regalia da estabilidade. Então ele não pode argumentar que a iniciativa privada ganha 40% quando é demitida ou que tem FGTS. O trabalhador entra e sabe pelo resto da vida não será demitido. [...] O projeto de lei seguirá para outras três comissões Seguridade Social e Família; Finanças e Tributação; Constituição e Justiça e seguirá diretamente para o Senado, sem precisar passar pelo plenário da Câmara. Caso seja aprovada pelos senadores, será submetido à sanção presidencial. O relator, Silvio Costa, afirmou que o governo é favorável ao novo regime, o qual conta com apoio de diversos ministros, entre eles Garibaldi Alves (Previdência) e Guido Mantega (Fazenda). Questão 02 Considere os excertos extraídos do texto e assinale aquele que se apresenta com a linguagem mais precisa, considerando o uso padrão da língua escrita. A) Tramita na Câmara dos Deputados projeto de lei que poderá por fim a uma invejável regalia dos servidores públicos federais: a aposentadoria integral. B) Da forma como está, o texto cria a Funpresp (Fundação da Previdência Complementar do Servidor Público Federal), a qual todos os servidores públicos federais terão que aderir caso queiram receber uma aposentadoria mais gorda no futuro. C) A ideia é reduzir o prejuízo causado todos os anos à previdência. Segundo dados do Ministério da Previdência Social, os 950 mil servidores públicos federais geraram rombo de R$ 51 bilhões em D) Os servidores federais têm essa regalia da estabilidade. Então ele não pode argumentar que a iniciativa privada ganha 40% quando é demitida ou que tem FGTS. O trabalhador entra e sabe pelo resto da vida não será demitido. E) Caso seja aprovada pelos senadores, será submetido à sanção presidencial. Questão 03 Em que opção a paráfrase mantém as informações do parágrafo, sem alteração essencial. (Considere as informações dentro do contexto textual) A) (Primeiro parágrafo) Os funcionários públicos federais têm, como invejável regalia, a aposentadoria integral, mas tramita um projeto de lei na Câmara dos Deputados que, se aprovado, limitará o ganho dos referidos funcionários ao teto do INSS e, caso queira receber mais, o funcionário terá que contribuir para previdência complementar. B) (Quinto parágrafo) Quem se aposentar receberá, desse modo, dois benefícios complementares, além do oficial do INSS. O outro será proveniente da Funpresp, para a qual o funcionário contribuiu. C) (Sétimo parágrafo) O deputado federal do PDT, Sílvio Costa, relator e presidente da Comissão de Trabalho, entende o projeto como o início da reforma tributária e, em entrevista, o deputado afirma que não haverá prejuízo aos atuais funcionários, porque a lei não se aplica ao passado, e acrescenta que é preciso tomar providências para o pagamento dos futuros funcionários públicos, pois o atual déficit é muito alto. D) (Oitavo parágrafo) Os cargos públicos serão menos atraentes, segundo a deputada Andrea Zito do PSDB, pois teme que, não recebendo mais o FGTS, os funcionários preferirão os benefícios da iniciativa privada, como participação nos lucros e outros direitos trabalhistas. E) (Décimo parágrafo) Este projeto não precisa passar pela Câmara dos Deputados, apenas pelo Senado e pelas comissões de Seguridade Social e Família, Finanças e Tributação, Constituição e Justiça, pois elas substituem o plenário da Câmara. Caso aprovado no Senado, o projeto será sancionado pela presidenta.

4 4 / UTFPR - Concurso Público - Edital 006/2012 Questão 04 Assinale a opção que contém afirmações verdadeiras contidas no terceiro parágrafo do texto. A) O Ministério da Previdência informa que o prejuízo causado pelas aposentadorias de funcionários federais é de 8 bilhões de reais. B) Há 24 milhões de aposentados brasileiros pelo sistema do INSS e nenhum recebe acima do teto previsto. C) Os funcionários públicos federais desviaram, em 2010, 51 bilhões de reais dos cofres públicos. D) O Brasil tem 950 mil servidores públicos federais. E) Os funcionários públicos federais geram rombo à previdência social, os celetistas não, pois recebem menos. Questão 05 Marque qual reescrita de frase, em itálico, do texto mantém o sentido da original entre aspas. A) Caso seja aprovada, a norma vai limitar o valor dos benefícios a R$ 3.689,66 e quem quiser ganhar mais terá de contribuir com um fundo de previdência complementar. Quem quisesse contribuir com uma previdência complementar ganharia mais que o limite de R$ ,66, se fosse aprovada a norma que limita os benefícios. B) Durante a votação na Comissão de Trabalho, 12 destaques (propostas de alteração do projeto) foram apresentados, mas todos acabaram rejeitados pelo colegiado. Todos os destaques (propostas de alteração de projeto) acabaram sendo rejeitados pelo colegiado, embora tivessem sido apresentados 12, durante a votação na Comissão de Trabalho. C) O relator diz que qualquer trabalhador com carteira assinada trocaria seus benefícios como FGTS e participação nos lucros da empresa pela estabilidade do serviço público. A estabilidade do serviço público é o grande atrativo para que qualquer trabalhador largue seu emprego com carteira assinada e deixe seus benefícios de FGTS ou de participação nos lucros, segundo o relator do projeto. D) O relator, Silvio Costa, afirmou que o governo é favorável ao novo regime, o qual conta com apoio de diversos ministros, entre eles Garibaldi Alves (Previdência) e Guido Mantega (Fazenda). O Ministro da Fazenda Guido Mantega e o da Previdência Garibaldi Alves declararam seu apoio ao novo regime, conforme o relator Sílvio Costa, assim como o governo é favorável. E) Da forma como está, o texto cria a Funpresp, a qual todos os servidores públicos federais terão que aderir caso queiram receber uma aposentadoria mais gorda no futuro. Os servidores federais não terão opção: deverão aderir à Funpresp sob pena de ficarem sem a justa aposentadoria. Questão 06 Analise as frases que seguem e assinale a que está bem redigida, segundo a norma padrão escrita da Língua Portuguesa. A) Ainda bem que começou, esta semana, no Congresso Nacional, as discussões sobre as novas regras de aposentadoria para o funcionalismo público. Essa nova proposta, que conta com o apoio do governo, implica em uma nova atitude dos futuros funcionários, pois terão que pagar mais para se aposentar melhor. B) Com a instalação de lombadas eletrônicas nas principais avenidas e ruas de Curitiba diminuiu bastante, principalmente nas ruas centrais, os acidentes com motos, pois agora os motoristas de carros, andando mais lentamente, vêem os motociclistas que também se locomovem em menor velocidade entre os carros. C) O secretário estadual do abastecimento garantiu que não deve ocorrer, neste verão nas praias e nas grandes cidades do estado, problemas de falta de água, porque foram tomadas todas as providências e o secretário refutou a todos os argumentos em contrário. D) Ficou comprometida, com a ocupação de áreas de preservação ambiental na região de Piraquara, a qualidade da água que se consome na região metropolitana. Como essa é a fonte que dispomos para abastecimento, os órgãos públicos devem coibir a causa maior dessas invasões: a especulação imobiliária. E) Custa-me crer que a obediência ao regulamento desportivo seja tão banalizada. Existem os que exploram os jogos e investem muito dinheiro nisso a ponto de subornarem juízes e corromperem atletas na manipulação de resultados. Há outros, porém, mais agressivos, que chegam a causar acidentes a jogadores fundamentais de equipes para alcançarem seus objetivos.

5 TEXTO DE REFERÊNCIA PARA AS QUESTÕES 07, 08 E 09. Prefeitura de Guarulhos é condenada a remover famílias de área de risco A Prefeitura de Guarulhos (Grande SP) foi condenada a remover as famílias residentes em uma área de risco do bairro Cidade Soberana e alojá-las em outro local. A decisão da 12ª Câmara de Direito Público foi divulgada na segunda-feira (12) pelo TJ (Tribunal de Justiça). De acordo com a ação, o município ainda deverá demolir as construções existentes no local e fiscalizar para impedir novas obras. Os danos ambientais também devem ser reparados. A ação civil pública proposta pelo Ministério Público Estadual afirma que a Prefeitura de Guarulhos não tomou nenhuma providência para impedir ou reverter a ocupação irregular. Ainda segundo a Promotoria, há risco de deslizamento e desabamento de encostas, já que se trata de uma área de insegurança geológica. Em primeira instância, a 2ª Vara da Fazenda Pública de Guarulhos já tinha condenado o município. A prefeitura recorreu ao TJ, alegando falta de orçamento para construir moradias para aproximadamente 33 mil famílias e que não seria dela a responsabilidade pelos danos ambientais. Na decisão, o relator do recurso, desembargador Edson Ferreira, afirmou que o risco iminente pede a atuação imediata do poder público, que não poderia invocar razões de conveniência e oportunidade para não agir. O desembargador também disse que o município é responsável pelos danos urbanísticos e ambientais e tem o dever de repará-los na medida em que não fiscalizou as atividades desenvolvidas pelos particulares, impedindo a instalação e implantação de famílias em área, que, além de estarem em situação de perigo, também causaram degradação ambiental com a ocupação improvisada. Procurada pela Folha, a Prefeitura de Guarulhos ainda não respondeu se vai recorrer da decisão. (Folha de São Paulo, 13/12/2011) Questão 07 Arquiteto / 5 Marque a alternativa em que o vocábulo em negrito pode ser substituído pelo vocábulo entre parênteses, mantendo o mesmo significado na oração e sem prejuízo sintático: A) A prefeitura recorreu (apelou) ao TJ, alegando falta de orçamento para construir moradias para aproximadamente 33 mil famílias e que não seria dela a responsabilidade pelos danos ambientais. B) Ainda segundo a Promotoria, há risco de deslizamento e desabamento de encostas, já que se trata de uma área de insegurança geológica. (genealógica) C) Em primeira instância,(estância) a 2ª Vara da Fazenda Pública de Guarulhos já tinha condenado o município. D) A Prefeitura de Guarulhos (Grande SP) foi condenada a remover as famílias residentes em uma área de risco do bairro Cidade Soberana e alojá-las (alojálhas) em outro local. E) A ação civil pública proposta pelo Ministério Público Estadual afirma que a Prefeitura de Guarulhos não tomou nenhuma providência (inferência) para impedir ou reverter a ocupação irregular.

6 6 / UTFPR - Concurso Público - Edital 006/2012 Questão 08 Marque a alternativa correta. A) Ainda segundo a Promotoria, há risco de deslizamento e desabamento de encostas, já que se trata de uma área de insegurança geológica. Nessa oração, o verbo haver poder ser substituído por ter sem prejuízo da norma gramatical. B) Na decisão, o relator do recurso, desembargador Edson Ferreira, afirmou que o risco iminente pede a atuação imediata do poder público, que não poderia invocar razões de conveniência e oportunidade para não agir. Nessa oração, deve-se retirar a vírgula depois do vocábulo recurso a fim de que o sujeito da frase não seja separado do verbo. C) Na decisão, o relator do recurso, desembargador Edson Ferreira, afirmou que o risco iminente pede a atuação imediata do poder público, que não poderia invocar razões de conveniência e oportunidade para não agir. O vocábulo iminente, se for substituído por eminente, implicará prejuízo de sentido. D) O desembargador também disse que o município é responsável pelos danos urbanísticos e ambientais e tem o dever de repará-los na medida em que não fiscalizou as atividades desenvolvidas pelos particulares. Nessa oração, pode-se substituir o termo em negrito por reparar-lhes. E) Na decisão, o relator do recurso, desembargador Edson Ferreira, afirmou que o risco iminente pede a atuação imediata do poder público. O vocábulo atuação pode ser substituído por autuação sem prejuízo de significado. Questão 09 Em relação ao texto dado, marque a alternativa correta. A) A Prefeitura de Guarulhos recorreu em várias instâncias e espera pela última decisão do TJ a sair brevemente. B) O TJ interpôs recurso, exigindo que a Prefeitura de Guarulhos encontre moradia adequada a todas as famílias das regiões da Grande São Paulo. C) O TJ demonstrou apenas preocupação geológica e não humana e por isso todas as decisões foram anuladas. D) A Prefeitura de Guarulhos não obteve êxito em remover todas as famílias, mas boa parte delas. E) Embora a Prefeitura de Guarulhos tenha sido condenada, ainda não implementou o que exige a ordem judicial. Questão 10 Memorando nº 118/2009/GR Em 7 de maio de Ao Senhor Chefe do Departamento de Administração Assunto: Instalação de microcomputadores 1. Nos termos do Plano Geral de informatização, solicitamos a Vossa Senhoria verificar a possibilidade de que sejam instalados três microcomputadores neste Departamento. 2. Ressaltamos que o equipamento seja dotado de disco rígido e de monitor padrão EGA. Quanto a programas, haverá necessidade de dois tipos: um processador de textos e outro gerenciador de banco de dados. Atenciosamente, Chefia do Departamento de Educação. Considerando o texto do Memorando dado, marque a alternativa correta. A) O pronome de tratamento Vossa Senhoria deve ser mudado para o pronome você visto que a linguagem muito formalizada está em desuso. B) O vocábulo Atenciosamente deve ser substituído por Respeitosamente visto que a hierarquia de quem solicita é de menor nível. C) A redação apresentar-se-á mais correta se todos os verbos forem conjugados na terceira pessoa do singular, evitando-se a primeira do plural. D) Pode-se retirar o vocábulo Memorando, pois não há necessidade de explicitar que o documento é um memorando, pois esse tem um estilo único. E) O memorando é a modalidade de comunicação entre unidades administrativas de um mesmo órgão.

7 Arquiteto / 7 RACIOCÍNIO LÓGICO Questão 11 Francisco Arábico quando indagado por seu amigo Alfonso Sistemático sobre a correspondênia entre os números 5, 10, 50, 100, 500 e 1000 com os números romanos respondeu, pronta e corretamente, que os números romanos V, X, L, C, D e M seriam, respectivamente, aqueles números indo-arábicos. Apesar, entretanto, da facilidade que Francisco Arábico tinha em converter números romanos para indo-arábicos (e vice-versa), se deparava, às vezes, com problemas que não conseguia resolver de imediato quando propostos pelo seu amigo Alfonso Sistemático (o qual sempre acertava os desafios apresentados pelo amigo Francisco Arábico). Mas, os dois amigos viviam disputando entre si quem conseguia resolver o maior número de problemas envolvendo os sistemas de numeração em referência. Um dia, porém, Francisco Arábico apresentou um problema para Alfonso Sistemático que este não conseguia resolver. O problema consistia em determinar o número que representa a quinta parte do triplo de DCCXV subtraída do dobro da terça parte de ( V + X + L + C + D + M ). Todavia, todos sabemos que o número em referência é o número: A) 168. B) 186. C) 618. D) 681. E) 861. Questão 12 É de conhecimento que a radiciação é uma operação matemática oposta à potenciação. Assim sendo, para um número real a, a expressão representa o número x tal que x n = a. Na expressão anterior quando n é omitido, significa que n = 2 e o símbolo de radical ( ) passa a representar a raiz quadrada. O símbolo de radical foi utilizado pela primeira vez, ao que tudo indica, em 1525, pelo matemático alemão Christoph Rudolf ( ) em seu livro intitulado Die Cross, o primeiro livro germânico de álgebra. Inúmeros problemas envolvendo radiciação sempre nos desafiaram e continuam nos obrigando a pensar as respectivas soluções. Assim, por exemplo, é igual a: A). B). C). D). E). Questão 13 O próximo número na série infinita A) 16/52. B) 16/61. C) 16/63. D) 16/64. E) 16/73. é:

8 8 / UTFPR - Concurso Público - Edital 006/2012 Questão 14 Questão 16 Bertoldo Pensativo, Rafael Imaginativo, Plínio Assustado e Fernando Entusiasmado programaram uma visita ao Museu de Arte Moderna para ver a exposição de um artista alemão surrealista que os quatro amigos apreciavam. Dadas as várias atividades dos quatro amigos eles não estavam conseguindo conciliar uma data para visitarem juntos a exposição que tanto almejavam. Contudo, no último dia do período de exposição conseguiram marcar um horário para a esperada visita. Chegando ao museu na data marcada um dos amigos acabou esquecendo o dinheiro necessário para pagar a entrada e os demais colegas levaram o dinheiro suficiente apenas para a compra de suas respectivas entradas. Como não havia outra solução, um dos amigos acabou entrando sem pagar a entrada. O fiscal que controlava a entrada dos visitantes percebeu, entretanto, que um daqueles jovens tinha entrado sem pagar, mas não conseguiu, de imediato, distinguir qual teria sido o penetra. Sabendo, porém, que apenas um dentre os quatro amigos sempre mentia, resolveu interrogar os rapazes para descobrir qual dentre os quatro amigos não pagou a entrada. Perguntando a Bertoldo Pensativo se teria sido ele quem entrou de penetra este respondeu afirmativamente: Eu não fui. Por sua vez, Plínio Assustado, afirmou: Foi Rafael Imaginativo. Fernando Entusiasmado quando indagado pelo fiscal disse: Foi o Plínio Assustado. Mas, Rafael Imaginativo, insistiu: O Fernando Entusiasmado não tem razão. Nestas condições, o fiscal concluiu que: A) Bertoldo Pensativo não pagou a entrada. B) Rafael Imaginativo não pagou a entrada. C) Plínio Assustado não pagou a entrada. D) Fernando Entusiasmado não pagou a entrada. E) não era possível descobrir quem não pagou a entrada. Questão 15 Em Matemática, o fatorial de um número inteiro positivo n é denotado por: n! (que se lê: n fatorial ou fatorial de n ) e corresponde ao produto de todos os números inteiros positivos menores ou iguais a n; isto é: n! = n. Assim sendo, por exemplo, o fatorial de 4 será 4! = = 24. Há evidências que a notação n! foi introduzida por Christian Kramp ( ) em É notável, entretanto, que os fatoriais de números maiores ou iguais a 5 terminam em 0 (zero). Assim sendo, 18! termina com: A) um zero. B) dois zeros. C) três zeros. D) quatro zeros. E) cinco zeros. Num determinado Zoológico, Maria Pensamento Válido cuida da alimentação dos cavalos e dos coelhos. Segundo Osmar Dedutivo, o gerente do Zoológico, Maria Pensamento Válido é muito competente em sua tarefa de manter a dieta equilibrada destes animais de forma que não passem do peso ideal. Contudo, Osmar Dedutivo estava receoso que os cavalos estivessem engordando demais e que os coelhos estivessem, pelo contrário, emagrecendo mais que o recomendado. Incumbiu, então, Maria Pensamento Válido de aplicar a seguinte dieta objetivando manter o necessário equilíbrio: os cavalos, durante quatro dias, deveriam comer juntos uma quantidade de cenouras igual ao quadrado da quantidade que apenas um coelho come em dois dias. Se Maria Pensamento Válido sabe que em um dia os cavalos e um coelho comem juntos 42 quilos de cenouras, então, por dia, o quadrado da diferença entre os quilos de cenouras que comem os cavalos e a metade de quilos que comem os coelhos é de: A) 3189 quilos de cenouras. B) 2289 quilos de cenouras. C) 1889 quilos de cenouras. D) 1089 quilos de cenouras. E) 889 quilos de cenouras. Questão 17 Em um determinado clube de leitura foi constatado que existem trinta e cinco homens, dezoito pessoas que usam óculos, quinze mulheres que não usam óculos e sete homens que usam óculos. O dobro do número de mulheres é: A) 28. B) 52. C) 61. D) 75. E) 112. Questão 18 Matemática é fácil ou exclusivamente Ronaldo Sofista não gosta de Matemática. Por outro lado; se Lógica é fácil, Matemática não é fácil. Segue-se, então, que: se Ronaldo Sofista gosta de Matemática, então: A) se Lógica não é fácil, Matemática não é fácil. B) não é verdade que Matemática é fácil embora Lógica é fácil. C) Matemática é fácil, mas não é verdade que Lógica não é fácil. D) não é verdade que Matemática é fácil ou Lógica é fácil. E) não é verdade que se Matemática não é fácil, Lógica não é fácil.

9 Questão 19 Berenice Precavida tinha um problema de saúde que a obrigava tomar diariamente vários remédios. O uso contínuo destes remédios a obrigou a estabelecer um esquema para que nunca faltassem os remédios que deveria tomar. Assim, adotou o hábito de comprar o conjunto dos remédios necessários sempre no primeiro sábado de cada mês, pois desta forma não correria o risco de ficar sem um daqueles medicamentos. Para aproveitar, também, eventuais ofertas, adotou o hábito de nunca comprar seus remédios em uma mesma farmácia. Na manhã do primeiro sábado do mês de outubro, Berenice Precavida saiu bem cedo para comprar seus remédios e se programou para comprar o que precisa em quatro farmácias diferentes e que possuíssem estacionamento, pois pretendia estacionar seu automóvel nestes locais (pensava ela: O seguro morreu de velho. ). Em cada farmácia que Berenice Precavida visitou ela gastou a metade do dinheiro que possuía e, ao sair de cada uma das farmácias, pagou R$ 2,00 de estacionamento. Quando Berenice Precavida chegou em casa constatou, entusiasmada, que ainda restavam R$ 4,00 da quantia inicial que havia levado para realizar a compra de seus remédios. Portanto, ao sair de casa naquele sábado Berenice Precavida tinha a quantia de: A) R$ 124,00. B) R$ 194,00. C) R$ 214,00. D) R$ 328,00. E) R$ 756,00. Arquiteto / 9 Questão 20 Dorneles Matricial, um estudante do Curso de Licenciatura em Matemática, aprendeu que o conceito de série infinita surgiu da tentativa de generalizar o conceito de soma para uma sequência de infinitos termos. Aprofundando seus estudos sobre séries infinitas, Dorneles Matricial começou a se destacar na resolução de problemas nesta área do saber. Os amigos de Dorneles Matricial, entretanto, não acreditavam na capacidade do colega e viviam provocando o mesmo com a apresentação de problemas dos mais diversos. Um dia destes, Ricardo Enumerável, um competente defensor da indução finita, pediu para Dorneles Matricial que somasse, de pronto, os dez mil primeiros termos da série enunciada por:. A resposta dada a Ricardo Enumerável foi: A) B) C) D) E)

10 10 / UTFPR - Concurso Público - Edital 006/2012 CONHECIMENTOS ESPECÍFICOS A NBR Saídas de Emergência em Edifícios foi substituída pela NPT Saídas de Emergência, que entrou em vigência em 01 de janeiro de Comparando as duas normas, diversas recomendações foram mantidas iguais, dentre elas encontram-se os questionamentos a seguir. Assim, com base nessas normas, responda as questões 21 e 22 abaixo. A) Questão 21 Os corrimãos e guarda-corpos são elementos importantíssimos para segurança de usuários em edificações. A NBR 9077 e a NPT 011 determinam como deverão ser esses elementos com relação à altura, distanciamento máximo entre barras, formato, posicionamento. Marque a alternativa na qual todos os itens estão corretos. I) Os corrimãos devem estar situados entre 80 cm e 92 cm acima do nível do piso. II) Escadas com mais de 2,20 m de largura devem ter corrimão intermediário. III) A altura das guardas, internamente, deve ser, no mínimo, de 1,05 m ao longo dos patamares, corredores, mezaninos, e outros, podendo ser reduzida para até 92 cm nas escadas internas. B) C) A) Somente o item I está correto. B) Todos os itens estão corretos. C) Somente os itens I e III estão corretos. D) Somente os itens I e II estão corretos. E) Somente o item III está correto. Questão 22 Verificar qual o único projeto correto de escada enclausurada à prova de fumaça, conforme a NBR Saídas de emergência em edifícios: Sendo: (AT) Antecâmara; (DE) Duto de entrada de ar; (DS) Duto de saída de ar; (E) Elevador; (EE) Elevador de emergência; (EEPF) Escada enclausurada à prova de fumaça; (PCF) Porta corta-fogo; (C) Corrimão com altura de 92cm; (CG) Corrimão/guarda-corpo interno com altura de 92cm; (S/ C) Dispensado o uso de corrimão. D) E)

11 Questão 23 Sobre os comandos do software Autocad 2011 é correto afirmar que: A) digitando mo na linha de comando é aberta a janela Modify Properties, que possibilita a alteração de todas as características dos layers existentes no arquivo. B) o comando scale não permite que seja utilizada referência durante a ação. C) utiliza-se o comando field para importar imagens de arquivos *.jpg para dentro de um arquivo em Autocad D) digitando pedit na linha de comando é possível clicar sobre uma spline e transformá-la em polyline, indicando inclusive a precisão da ação. E) para cotar objetos que estejam posicionados inclinados, de modo que a cota fique paralela ao mesmo, pode-se utilizar o comando Linear, que se encontra no menu Dimension. Questão 24 O comando wblock no software Autocad 2011 tem a seguinte função: A) formar um bloco dentro do próprio arquivo em uso. B) transformar a UCS de um bloco existente para Word (padrão). C) formar um bloco que será salvo em um novo arquivo, com caminho e nome a serem definidos pelo usuário. D) editar as características dos layers de um bloco existente. E) explodir um bloco existente. Questão 25 Quando se deseja excluir layers, blocks, materials, dimension styles, entre outros elementos que não se encontram mais em uso em um arquivo no software Autocad 2011 deve-se utilizar o seguinte comando: A) Clean Screen. B) Redraw. C) Regen. D) Purge. E) Clear. Questão 26 Arquiteto / 11 O licenciamento ambiental configura um relevante instrumento da Política Nacional de Meio Ambiente, sendo fundamental na busca do desenvolvimento sustentável. Sua contribuição é direta e visa a encontrar o convívio equilibrado entre a ação econômica do homem e o meio ambiente onde se insere. Sobre o processo de licenciamento ambiental é correto afirmar que: I) A licença ambiental é definida pela Resolução Conama 237/97 como um ato administrativo, uma autorização emitida pelo órgão público competente. II) Cabe sempre às prefeituras estabelecer as condições, restrições e medidas de controle ambiental que deverão ser obedecidas pelo empreendedor para localizar, instalar, ampliar e operar empreendimentos ou atividades utilizadoras dos recursos ambientais consideradas efetiva ou potencialmente poluidoras ou aquelas que, sob qualquer forma, possam causar degradação ambiental. III) O licenciamento é composto por três tipos de licença: prévia, de instalação e de operação. Contudo, essas licenças não eximem o empreendedor da obtenção de outras autorizações ambientais específicas junto aos órgãos competentes, a depender da natureza do empreendimento e dos recursos ambientais envolvidos. IV) As obras podem ser iniciadas pelo empreendedor a partir do momento da obtenção da licença prévia. A) Somente o item I está correto. B) Todos os itens estão corretos. C) Somente os itens I e III estão corretos. D) Os itens I, II e III estão corretos. E) Os itens I, III e IV estão corretos.

12 12 / UTFPR - Concurso Público - Edital 006/2012 Questão 27 A Lei N , de 10 de julho de 2001, intitulada Estatuto das Cidades, estabelece diretrizes gerais de política urbana, a qual tem por objetivo ordenar o pleno desenvolvimento das funções sociais da cidade e da propriedade urbana. Um de seus instrumentos confere ao Poder Público municipal preferência para aquisição de imóvel urbano objeto de alienação onerosa entre particulares, sendo grande facilitador para a reserva de áreas para a implantação de equipamentos urbanos e comunitários, como as universidades federais. Esse instrumento é: A) direito de superfície. B) direito de preempção. C) concessão de direito real de uso. D) transferência do direito de construir. E) usucapião especial de imóvel urbano. Questão 28 Sobre as responsabilidades da empresa contratada para execução de obras e serviços, estabelecidas pela Lei N o 8666, de 21 de junho de 1993, que regulamenta o Art. 37, inciso XXI, da Constituição Federal, instituindo normas para licitações e contratos é correto afirmar que: A) o contratado é responsável pelos danos causados diretamente à Administração ou a terceiros, decorrentes de sua culpa ou dolo na execução do contrato, não excluindo ou reduzindo essa responsabilidade a fiscalização ou o acompanhamento pelo órgão interessado. B) o contrato define se existe a necessidade ou não do contratado manter preposto, aceito pela Administração, no local da obra ou serviço, para representá-lo na execução do contrato. C) somente durante a execução das obras e serviços o contratado é obrigado a reparar, corrigir, remover, reconstruir ou substituir, às suas expensas, no total ou em parte, o objeto do contrato em que se verificarem vícios, defeitos ou incorreções resultantes da execução ou de materiais empregados. D) a inadimplência do contratado, com referência aos encargos trabalhistas, previdenciários, fiscais e comerciais não transfere à Administração Pública a responsabilidade por seu pagamento. E) os contratos regidos por esta Lei não poderão ser alterados unilateralmente pela Administração, mesmo quando houver modificação do projeto ou das especificações visando uma melhor adequação técnica aos seus objetivos. Questão 29 A sustentabilidade na arquitetura é uma meta das boas práticas mundiais, aliando o desenvolvimento à proteção ao meio ambiente. O LEED (Leadership in Energy and Environmental Design) é um sistema de certificação e orientação ambiental de edificações, que emite um selo sobre o desempenho do empreendimento com relação à sustentabilidade. Sobre o LEED é correto afirmar: I) Além dos diferentes tipos e necessidades, a certificação LEED também tem diferentes níveis de acordo com o desempenho do empreendimento como Silver, Gold e Platinum. II) O primeiro pedido de um empreendimento brasileiro e também da América Latina para a certificação LEED ocorreu em III) O LEED para novas construções prevê como pontuação máxima 110 pontos, sendo que o empreendimento começa a ser certificado, tendo de 40 a 49 pontos; recebe o nível Prata, tendo de 50 a 59; recebe o nível Ouro, tendo de 60 a 79 pontos; e recebe o nível Platinum, tendo 80 pontos ou mais. IV) O quesito mais importante para a sustentabilidade no LEED para novas construções, uma vez que possui a maior possibilidade de pontuação, refere-se à Qualidade Ambiental Interna, correspondendo a 30 pontos. A) Somente o item I está correto. B) Todos os itens estão corretos. C) Somente os itens I e III estão corretos. D) Somente os itens I e II estão corretos E) Somente os itens I e IV estão corretos Questão 30 Um dos primeiros passos para se trabalhar em um arquivo no Software Google SketchUp 8.0 é configurar qual unidade de medida será utilizada, para isso é necessário realizar os seguintes comandos: A) Menu File\ Setup\ Units B) Menu Window\ Entity Info\ Units C) Menu Window\ Model Info\ Units D) Menu Edit\ Units E) Menu Tools\ Setup\ Units

13 Questão 31 O Código Florestal, Lei N /65, e suas atualizações, é uma das principais legislações federais de proteção ambiental, definindo as áreas de preservação permanentes (APP s). Atualmente, as discussões sobre mudanças no Código atual ganham destaque no cenário político brasileiro, uma vez que a redução das APP s poderá gerar significativos impactos para a biodiversidade do país. Verifique qual a única implantação que se encontra correta, com a edificação para análise em uma distância que respeita o limite das APP s, conforme o Código Florestal que se encontra vigente. C) Arquiteto / 13 A) D) B) E)

14 14 / UTFPR - Concurso Público - Edital 006/2012 AS FIGURAS A SEGUIR REFEREM-SE ÀS QUESTÕES 32 E 33. MOBILIÁRIOS: OBRAS: OBRA 1 MOBILIÁRIO 1 OBRA 2 MOBILIÁRIO 2 OBRA 3 MOBILIÁRIO 3 OBRA 4 OBRA 5 MOBIILIÁRIO 4 OBRA 6

15 Questão 32 Assinale a alternativa correta. A) Obra 1 e mobiliário 4 pertencem ao grande mestre da arquitetura Le Corbusier. B) Obra 5 e mobiliário 2 pertencem ao grande mestre da arquitetura Frank Loyd Wrigth. C) Obra 6 e mobiliário 1 pertencem ao grande mestre da arquitetura Le Corbusier. D) Obra 4 e mobiliário 1 pertencem ao grande mestre da arquitetura Frank Loyd Wrigth. E) Obra 3 e mobiliário 2 pertencem ao grande mestre da arquitetura Mies Van der Rohe. Questão 33 Analise as afirmativas abaixo: I) Os projetos das obras 1 e 2 pertencem ao grande mestre da arquitetura Le Corbusier. II) Os projetos da obras 1 e 2 pertencem ao grande mestre da arquitetura Mies Van der Rohe. III) Os projetos da obras 4 e 6 pertencem ao grande mestre da arquitetura Mies Van der Rohe. IV) Os projetos da obras 4 e 5 pertencem ao grande mestre da arquitetura Frank Loyd Wrigth. V) Os projetos da obras 3 e 6 pertencem ao grande mestre da arquitetura Le Corbusier. Questão 35 Arquiteto / 15 De acordo a Norma da ABNT 9050:2004, item Previsão de vagas, página 63, assinale a alternativa que completa a coluna da direita com o número mínimo de vaga(s) que deve(m) ser prevista(s) para estacionamento de veículos que conduzam ou sejam conduzidos por pessoas com deficiência: Número total de vagas para estacionamento de veículos Até 10 - De 11 a 100 Acima de 100 Número mínimo de vaga(s) reservada(s) para pessoas com deficiência A) 1 vaga; 10 vagas e 10% das vagas existentes. B) nenhuma; 1 vaga e 10 vagas. C) nenhuma; 1 vaga e 1% das vagas existentes. D) 1 vaga; 1% das vagas existentes e 10% das vagas existentes. E) nenhuma; 1% das vagas existentes e 10% das vagas existentes. São verdadeiras somente as afirmativas: A) II, IV e V. B) I, II, IV e V. C) I, III e V. D) I, II, III e V. E) II, III, IV e V. Questão 34 De acordo com a Norma da ABNT 9050: 2004, item , página 42, para inclinação entre 6,25% e 8,33% devem ser previstas áreas de descanso nos patamares, a cada: A) 50,00 m de percurso. B) 30,00 m de percurso. C) 10,00 m de percurso. D) 15,00 m de percurso. E) 5,00 m de percurso.

16 16 / UTFPR - Concurso Público - Edital 006/2012 CONSIDERAR OS DADOS ABAIXO PARA AS QUESTÕES 36 E 37: Terreno de 15,00 m por 30,00 m; Coeficiente de Aproveitamento (Ca) de 2; Taxa de Ocupação (To) de 50%; Taxa de Permeabilidade: 25% Questão 36 De acordo com os dados acima, analise as afirmações: I) A área construída computável máxima permitida para este terreno é de 450,00 m². II) III) IV) A área construída computável máxima permitida para este terreno é de 900,00 m². A área máxima de projeção da construção é de 450,00 m². A área máxima de projeção da construção é de 225,00 m². V) A área mínima livre de qualquer construção ou livre de revestimento impermeável é de 112,50 m². São verdadeiras somente as afirmações: A) I, III e V. B) I, IV e V. C) II, III e V. D) II, IV e V. E) I, II e V. Questão 37 Assinale a alternativa correta. Considerando-se os parâmetros máximos para a Taxa de Ocupação (To), dados para este terreno; uma edificação poderia ter quantos pavimentos para atingir o Coeficiente de Aproveitamento (Ca) dado? A) 1 pavimentos. B) 2 pavimentos. C) 3 pavimentos. D) 4 pavimentos. E) 5 pavimentos.

17 CONSIDERAR OS DADOS ABAIXO PARA AS QUESTÕES 38 E 39. Arquiteto / 17 ANALISE AS FIGURAS ABAIXO, ELAS REPRESENTAM, NA CARTA SOLAR, OS PLANOS DAS QUATRO FACHA- DAS DE UMA CONSTRUÇÃO. FACHADA 1 FACHADA 2 FACHADA 3 FACHADA 4 Questão 38 Considerando a Fachada 1, analisar abaixo a Carta Solar em escala maior De acordo com a Carta Solar, assinale a opção correta. A) A fachada 1 recebe sol somente após as 12:00h durante todas as estações do ano. B) De 21 de março a 23 de setembro a fachada 1 receberá sol a partir das 10:30h. C) A fachada 1 recebe sol das 09:00h às 18:00h durante todos os meses do ano. D) A fachada 1 recebe sol de 22 de junho a 22 de dezembro somente após as 12:00h. E) No dia 23 de setembro a fachada 1 recebe sol durante 9 horas.

18 18 / UTFPR - Concurso Público - Edital 006/2012 Questão 39 Dada a Carta Solar com o Gráfico Auxiliar para o traçado de máscaras, analisar a Fachada 2. Qual o menor valor de α para o traçado de brise-soleil horizontal com o objetivo de proteção solar para o período de 22 dezembro a partir das 09:00h? A) 20 o. B) 25 o. C) 30 o. D) 40 o. E) 50 o.

19 Questão 40 Arquiteto / 19 Analise a figura abaixo, ela representa o contorno da planta da cobertura de uma construção. Assinale qual alternativa correta para a solução da planta de cobertura, considerando-se todas as águas de mesma inclinação.

20 20 / UTFPR - Concurso Público - Edital 006/2012

Dpto. Jurídico do Direito Administrativo da ANSEF/RJ

Dpto. Jurídico do Direito Administrativo da ANSEF/RJ Dpto. Jurídico do Direito Administrativo da ANSEF/RJ É bom saber... LEI Nº 12.618, DE 30 DE ABRIL DE 2012. Institui o regime de previdência complementar para os servidores públicos federais titulares de

Leia mais

Perguntas e respostas sobre a criação do Funpresp (Fundo de Previdência Complementar dos Servidores Públicos)

Perguntas e respostas sobre a criação do Funpresp (Fundo de Previdência Complementar dos Servidores Públicos) O que muda Perguntas e respostas sobre a criação do Funpresp (Fundo de Previdência Complementar dos Servidores Públicos) 1. Por que é necessário criar a Fundação de Previdência Complementar do Servidor

Leia mais

EDITAL Nº 03/2012 ARQUITETURA E URBANISMO Teste Seletivo para o ingresso ao quadro de estagiários do Ministério Público do Paraná

EDITAL Nº 03/2012 ARQUITETURA E URBANISMO Teste Seletivo para o ingresso ao quadro de estagiários do Ministério Público do Paraná EDITAL Nº 03/2012 ARQUITETURA E URBANISMO Teste Seletivo para o ingresso ao quadro de estagiários do Ministério Público do Paraná O Diretor do Departamento de Infraestrutura, Sr. Rafael Kotaka, no uso

Leia mais

Aposentadoria por tempo de contribuição e Aposentadoria com proventos integrais. Alda Maria Santarosa 1

Aposentadoria por tempo de contribuição e Aposentadoria com proventos integrais. Alda Maria Santarosa 1 Aposentadoria por tempo de contribuição e Aposentadoria com proventos integrais Alda Maria Santarosa 1 Resumo Nos últimos 25 anos, desde a promulgação da Constituição Federal do Brasil, em 1988, nota-se

Leia mais

AGENTE DE FISCALIZAÇÃO - ESPECIALIDADE - TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO Prova Discursiva

AGENTE DE FISCALIZAÇÃO - ESPECIALIDADE - TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO Prova Discursiva Tribunal de Contas do Município de São Paulo 71 Concurso Público 2015 TARDE Nível Superior AGENTE DE FISCALIZAÇÃO - ESPECIALIDADE - TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO Prova Discursiva Além deste caderno de prova,

Leia mais

LÍNGUA PORTUGUESA. Senado aprova projeto que exige teor zero de álcool para motorista

LÍNGUA PORTUGUESA. Senado aprova projeto que exige teor zero de álcool para motorista LÍNGUA PORTUGUESA Senado aprova projeto que exige teor zero de álcool para motorista BRASÍLIA - A Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) do Senado aprovou nesta quarta-feira projeto de lei de autoria

Leia mais

PERGUNTAS & RESPOSTAS

PERGUNTAS & RESPOSTAS PL nº 1992, DE 2007 FUNPRESP PERGUNTAS & RESPOSTAS 1. ORÇAMENTO: PL sem dotação orçamentária? O governo enviou, no dia 06 de fevereiro, de 2012 um projeto de lei (PLN nº 1, de 2012; MSG nº 24/2012) que

Leia mais

Previdência Complementar do servidor em perguntas e respostas

Previdência Complementar do servidor em perguntas e respostas Previdência Complementar do servidor em perguntas e respostas Por Antônio Augusto de Queiroz - Jornalista, analista político e diretor de Documentação do Diap Com o propósito de esclarecer algumas dúvidas

Leia mais

CONCURSO PÚBLICO PARA PROVIMENTO DE CARGOS EFETIVOS DA CÂMARA MUNICIPAL DE UBAÍ EDITAL 1/2013

CONCURSO PÚBLICO PARA PROVIMENTO DE CARGOS EFETIVOS DA CÂMARA MUNICIPAL DE UBAÍ EDITAL 1/2013 CONCURSO PÚBLICO PARA PROVIMENTO DE CARGOS EFETIVOS DA CÂMARA MUNICIPAL DE UBAÍ EDITAL 1/2013 ESTE CADERNO DE PROVAS DESTINA-SE AOS CANDIDATOS AO SEGUINTE CARGO: Auxiliar de Serviços Gerais I PROVAS DE

Leia mais

Déficit habitacional é a principal preocupação da política urbana

Déficit habitacional é a principal preocupação da política urbana Página 1 de 5 Busca Déficit habitacional é a principal preocupação da política urbana O Estatuto da Cidade prevê a criação de planos pilotos para o desenvolvimento de cidades e municípios. Para tornar

Leia mais

No que concerne à qualidade de obras e certificação de empresas, julgue o item a seguir.

No que concerne à qualidade de obras e certificação de empresas, julgue o item a seguir. 23.(DPE-PR/PUC/2012) Para um terreno urbano, com altitude de 870.000 m, tem-se as seguintes informações tiradas da consulta amarela gerada pelo departamento de urbanismo da Prefeitura Municipal: Cone da

Leia mais

CONGRESSO NACIONAL MEDIDA PROVISÓRIA Nº 675 DE, 21 DE MAIO DE 2015.

CONGRESSO NACIONAL MEDIDA PROVISÓRIA Nº 675 DE, 21 DE MAIO DE 2015. CONGRESSO NACIONAL MEDIDA PROVISÓRIA Nº 675 DE, 21 DE MAIO DE 2015. (Mensagem nº 153, de 2015, na origem) Altera a Lei nº 7.689, de 15 de dezembro de 1988, para elevar a alíquota da Contribuição Social

Leia mais

O recurso argumenta que a opção D também poderia ser assinalada como correta.

O recurso argumenta que a opção D também poderia ser assinalada como correta. DEFENSORIA PÚBLICA ESTADO DO TOCANTINS CONCURSO PÚBLICO PARA PROVIMENTO DE VAGAS NOS CARGOS DE NÍVEL INTERMEDIÁRIO E NÍVEL SUPERIOR Analista em Gestão Especializado Administração Disciplina: Conhecimentos

Leia mais

UNIOESTE -Universidade Estadual do Oeste do Paraná 2º PSS - PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO NÍVEL SUPERIOR

UNIOESTE -Universidade Estadual do Oeste do Paraná 2º PSS - PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO NÍVEL SUPERIOR UNIOESTE -Universidade Estadual do Oeste do Paraná 2º PSS - PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO NÍVEL SUPERIOR Candidato: inscrição - nome do candidato Opção: código - nome / turno - cidade Local de Prova:

Leia mais

UNIVERSIDADE POSITIVO (UP) DEPARTAMENTO DE PROCESSOS SELETIVOS (DPS) EDITAL N o 372 de 07/10/2015 Vagas remanescentes

UNIVERSIDADE POSITIVO (UP) DEPARTAMENTO DE PROCESSOS SELETIVOS (DPS) EDITAL N o 372 de 07/10/2015 Vagas remanescentes UNIVERSIDADE POSITIVO (UP) DEPARTAMENTO DE PROCESSOS SELETIVOS (DPS) COMISSÃO DE PROCESSO SELETIVO CPS VESTIBULAR 2016 DIA FIXO 21/11/2015 (P4a) MODALIDADE EDUCAÇÃO À DISTÂNCIA FORMATO DE OFERTA: SEMIPRESENCIAL

Leia mais

UNIVERSIDADE POSITIVO (UP)

UNIVERSIDADE POSITIVO (UP) UNIVERSIDADE POSITIVO (UP) COMISSÃO DE PROCESSO SELETIVO CPS PROCESSO SELETIVO - 2 o SEMESTRE DE 2015-2 a ENTRADA CURSO DE PEDAGOGIA (Graduação Licenciatura) Modalidade Educação à Distância (EAD) EDITAL

Leia mais

Contratos. Licitações & Contratos - 3ª Edição

Contratos. Licitações & Contratos - 3ª Edição Contratos 245 Conceito A A Lei de Licitações considera contrato todo e qualquer ajuste celebrado entre órgãos ou entidades da Administração Pública e particulares, por meio do qual se estabelece acordo

Leia mais

Subseção I Disposição Geral

Subseção I Disposição Geral Subseção I Disposição Geral Art. 59. O processo legislativo compreende a elaboração de: I - emendas à Constituição; II - leis complementares; III - leis ordinárias; IV - leis delegadas; V - medidas provisórias;

Leia mais

Uma Breve análise da FUNPRESP e a PL 1992/2007: mais uma vitória do capital financeiro

Uma Breve análise da FUNPRESP e a PL 1992/2007: mais uma vitória do capital financeiro Uma Breve análise da FUNPRESP e a PL 1992/2007: mais uma vitória do capital financeiro * Fernando Marcelino A mundialização financeira, desde meados da década de 1960, em conjunto com uma série de medidas

Leia mais

RECENTES DÚVIDAS DO REGIME PRÓPRIO FORMULADAS PELOS SERVIDORES DE AMERICANA - PROFESSORES

RECENTES DÚVIDAS DO REGIME PRÓPRIO FORMULADAS PELOS SERVIDORES DE AMERICANA - PROFESSORES RECENTES DÚVIDAS DO REGIME PRÓPRIO FORMULADAS PELOS SERVIDORES DE AMERICANA - PROFESSORES 1) Já completei 25 anos como professora em sala de aula, tenho hoje 45 anos de idade, com esta idade vou aposentar

Leia mais

GUIA PRÁTICO DE FISCALIZAÇÃO

GUIA PRÁTICO DE FISCALIZAÇÃO GUIA PRÁTICO DE FISCALIZAÇÃO 1. DOS CONCEITOS: Administração: a Universidade Federal de Lavras, como órgão integrante da Administração Pública Federal; Comissão de Fiscalização: servidores designados pelo

Leia mais

2. O que a Funpresp Exe traz de modernização para o sistema previdenciário do Brasil?

2. O que a Funpresp Exe traz de modernização para o sistema previdenciário do Brasil? Perguntas Frequentes 1. O que é a Funpresp Exe? É a Fundação de Previdência Complementar do Servidor Público Federal do Poder Executivo, criada pelo Decreto nº 7.808/2012, com a finalidade de administrar

Leia mais

Turma TCMRJ Técnico de Controle Externo 123 Módulo 1 4

Turma TCMRJ Técnico de Controle Externo 123 Módulo 1 4 Turma TCMRJ Técnico de Controle Externo 123 Módulo 1 4 Banca: SECRETARIA MUNICIPAL DE ADMINISTRAÇÃO/RJ Edital SMA Nº 84/2010 (data da publicação: 27/09/2010) Carga horária (aulas presenciais): 126 horas

Leia mais

A importância de um plano de aposentadoria complementar

A importância de um plano de aposentadoria complementar INFORMATIVO É a melhor maneira de planejar a sua aposentadoria; Poupança com 100% de rentabilidade - Parte Patrocinadora; Rentabilidade totalmente revertida ao participante Datusprev sem fins lucrativos;

Leia mais

ANEXO I TERMO DE REFERÊNCIA

ANEXO I TERMO DE REFERÊNCIA ANEXO I TERMO DE REFERÊNCIA TERMO DE REFERÊNCIA 1. INTRODUÇÃO 1.1. O objetivo deste Termo de Referência é disponibilizar aos interessados em atender a solicitação de propostas da PPP ESPLANADA SUSTENTÁVEL

Leia mais

Edital de Abertura do Concurso Público Prefeitura de Morro Agudo de Goiás - GO n o 01/2014 CARGO

Edital de Abertura do Concurso Público Prefeitura de Morro Agudo de Goiás - GO n o 01/2014 CARGO IBEG Instituto Brasileiro deeducação egestão Edital de Abertura do Concurso Público Prefeitura de Morro Agudo de Goiás - GO n o 01/2014 CARGO Operador de Máquinas Pesadas de Médio Porte, Trator de Pneus

Leia mais

MODALIDADE À DISTÂNCIA (EAD)

MODALIDADE À DISTÂNCIA (EAD) UNIVERSIDADE POSITIVO COMISSÃO DE PROCESSO SELETIVO CPS VESTIBULAR DE DIA FIXO 1 a ENTRADA 2016 (P5b) CURSOS SUPERIORES DE TECNOLOGIA (TECNÓLOGOS) E LICENCIATURA EM PEDAGOGIA MODALIDADE À DISTÂNCIA (EAD)

Leia mais

Admissão por Transferência Facultativa 2. a Transferência Facultativa/2010 ENGENHARIA CIVIL

Admissão por Transferência Facultativa 2. a Transferência Facultativa/2010 ENGENHARIA CIVIL assinatura do(a) candidato(a) Admissão por Transferência Facultativa 2. a Transferência Facultativa/2010 Segunda Etapa Prova Dissertativa LEIA COM ATENÇÃO AS INSTRUÇÕES ABAIXO. 1 Confira atentamente se

Leia mais

TERCEIRO SETOR, CULTURA E RESPONSABILIDADE SOCIAL

TERCEIRO SETOR, CULTURA E RESPONSABILIDADE SOCIAL TERCEIRO SETOR, CULTURA E RESPONSABILIDADE SOCIAL 01/10/2015 ATENÇÃO: Prorrogação dos incentivos fiscais ao esporte Os incentivos fiscais para fomento das atividades de caráter desportivo (originalmente

Leia mais

Cartilha do SISTEMA DE ATERMAÇÃO ONLINE SAO

Cartilha do SISTEMA DE ATERMAÇÃO ONLINE SAO Cartilha do SISTEMA DE ATERMAÇÃO ONLINE SAO Para o ajuizamento de ação no JEF e encaminhamento de manifestações/documentos para os JEFs, sem advogado, via internet. O mesmo atendimento que é feito no setor

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DE BOM DESPACHO-MG PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO - EDITAL 001/2009 CARGO: MONITOR DE INCLUSÃO DIGITAL CADERNO DE PROVAS

PREFEITURA MUNICIPAL DE BOM DESPACHO-MG PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO - EDITAL 001/2009 CARGO: MONITOR DE INCLUSÃO DIGITAL CADERNO DE PROVAS CADERNO DE PROVAS 1 A prova terá a duração de duas horas, incluindo o tempo necessário para o preenchimento do gabarito. 2 Marque as respostas no caderno de provas, deixe para preencher o gabarito depois

Leia mais

Coordenadora do DGPO Departamento de Gestão do Plano de Obras de Infraestrutura e Logística ANDRÉA ABRÃO

Coordenadora do DGPO Departamento de Gestão do Plano de Obras de Infraestrutura e Logística ANDRÉA ABRÃO PÓS-OCUPAÇÃO Governador do Estado do Paraná CARLOS ALBERTO RICHA Secretário de Estado de Infraestrutura e Logística JOSÉ RICHA FILHO Coordenadora do DGPO Departamento de Gestão do Plano de Obras de Infraestrutura

Leia mais

TERMO DE REFERÊNCIA Fornecimento e instalação de materiais de sinalização de emergência, de alerta e orientação

TERMO DE REFERÊNCIA Fornecimento e instalação de materiais de sinalização de emergência, de alerta e orientação TERMO DE REFERÊNCIA Fornecimento e instalação de materiais de sinalização de emergência, de alerta e orientação 1 OBJETO: 1.1 Fornecimento e instalação de placas para sinalização de emergência, de alerta

Leia mais

Auxiliar de Serviços Gerais Nível Fundamental Incompleto

Auxiliar de Serviços Gerais Nível Fundamental Incompleto Auxiliar de Serviços Gerais Nível Fundamental Incompleto 15.01.2012 - TARDE LÍNGUA PORTUGUESA TEXTO FALTA PEDREIRO Superinteressante São Paulo, Abril, n. 280 Falta pedreiro, estão reclamando os mestres

Leia mais

PROJETO DE LEI DO SENADO Nº 172, DE 2014

PROJETO DE LEI DO SENADO Nº 172, DE 2014 PROJETO DE LEI DO SENADO Nº 172, DE 2014 Modifica a Lei nº 8.213, de 24 de julho de 1991, para possibilitar o trabalhador aposentado ou seu pensionista o direito à desaposenadoria. O CONGRESSO NACIONAL

Leia mais

NORMAS DE SEGURANÇA CONTRA INCÊNDIOS INSTRUÇÃO NORMATIVA (IN 013/DAT/CBMSC) SINALIZAÇÃO PARA ABANDONO DE LOCAL

NORMAS DE SEGURANÇA CONTRA INCÊNDIOS INSTRUÇÃO NORMATIVA (IN 013/DAT/CBMSC) SINALIZAÇÃO PARA ABANDONO DE LOCAL ESTADO DE SANTA CATARINA SECRETARIA DE ESTADO DA SEGURANÇA PÚBLICA CORPO DE BOMBEIROS MILITAR DIRETORIA DE ATIVIDADES TÉCNICAS - DAT NORMAS DE SEGURANÇA CONTRA INCÊNDIOS INSTRUÇÃO NORMATIVA (IN 013/DAT/CBMSC)

Leia mais

TEXTO INTEGRAL DA INSTRUÇÃO CVM N o 497, DE 3 DE JUNHO DE 2011, COM AS ALTERAÇÕES INTRODUZIDAS PELA INSTRUÇÃO CVM Nº 515/11.

TEXTO INTEGRAL DA INSTRUÇÃO CVM N o 497, DE 3 DE JUNHO DE 2011, COM AS ALTERAÇÕES INTRODUZIDAS PELA INSTRUÇÃO CVM Nº 515/11. TEXTO INTEGRAL DA INSTRUÇÃO CVM N o 497, DE 3 DE JUNHO DE 2011, COM AS ALTERAÇÕES INTRODUZIDAS PELA INSTRUÇÃO CVM Nº 515/11. Dispõe sobre a atividade de agente autônomo de investimento. A PRESIDENTE DA

Leia mais

MODALIDADES PRESENCIAL E A DISTÂNCIA EDITAL N O 318 DE 16/03/2015

MODALIDADES PRESENCIAL E A DISTÂNCIA EDITAL N O 318 DE 16/03/2015 UNIVERSIDADE POSITIVO COMISSÃO DE PROCESSO SELETIVO CPS VESTIBULAR AGENDADO 2 a ENTRADA VAGAS REMANESCENTES S SUPERIORES DE TECNOLOGIA (TECNÓLOGOS) MODALIDADES PRESENCIAL E A DISTÂNCIA EDITAL N O 318 DE

Leia mais

LEI Nº 3.601 DE 11 DE AGOSTO DE 2009

LEI Nº 3.601 DE 11 DE AGOSTO DE 2009 LEI Nº 3.601 DE 11 DE AGOSTO DE 2009 ALTERA dispositivos da Lei Municipal nº 3.194, de 03 de janeiro de 2006, que dispõe sobre a política habitacional de interesse social do Município, voltada para a população

Leia mais

UNIOESTE -Universidade Estadual do Oeste do Paraná 1º PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO AGENTE UNIVERSITÁRIO - 2013

UNIOESTE -Universidade Estadual do Oeste do Paraná 1º PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO AGENTE UNIVERSITÁRIO - 2013 UNIOESTE -Universidade Estadual do Oeste do Paraná 1º PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO AGENTE UNIVERSITÁRIO - 2013 Candidato: inscrição - nome do candidato Opção: código - nome / turno - cidade Local de

Leia mais

No meio urbano o desenvolvimento econômico passa pela relação entre os indivíduos, as edificações e os meios de deslocamento.

No meio urbano o desenvolvimento econômico passa pela relação entre os indivíduos, as edificações e os meios de deslocamento. No meio urbano o desenvolvimento econômico passa pela relação entre os indivíduos, as edificações e os meios de deslocamento. Pólos Geradores de Tráfego As cidades brasileiras vivem um momento de mudança

Leia mais

GRUPO DE TRABALHO QUE PROMOVE A CÂMARA DE NEGOCIAÇÃO DEDESENVOLVIMENTO ECONÔMICO

GRUPO DE TRABALHO QUE PROMOVE A CÂMARA DE NEGOCIAÇÃO DEDESENVOLVIMENTO ECONÔMICO GRUPO DE TRABALHO QUE PROMOVE A CÂMARA DE NEGOCIAÇÃO DEDESENVOLVIMENTO ECONÔMICO E SOCIAL DESTINADA A DISCUTIR PROPOSTAS QUE INTERESSAM À CLASSE TRABALHADORA E AOS EMPRESÁRIOS EMENDA SUBSTITUTIVA GLOBAL

Leia mais

Leia estas instruções:

Leia estas instruções: Leia estas instruções: 1 2 3 4 Confira se os dados contidos na parte inferior desta capa estão corretos e, em seguida, assine no espaço reservado para isso. Caso se identifique em qualquer outro local

Leia mais

PARECER Nº, DE 2013. RELATOR: Senador ARMANDO MONTEIRO

PARECER Nº, DE 2013. RELATOR: Senador ARMANDO MONTEIRO PARECER Nº, DE 2013 Da COMISSÃO DE CONSTITUIÇÃO, JUSTIÇA E CIDADANIA, sobre o Projeto de Lei do Senado nº 250, de 2005 Complementar, do Senador PAULO PAIM, que estabelece requisitos e critérios diferenciados

Leia mais

COMUNICADO LEGISLATIVO Nº 1/2013. Projetos de Lei e Trâmites 1ª quinzena de novembro/2013

COMUNICADO LEGISLATIVO Nº 1/2013. Projetos de Lei e Trâmites 1ª quinzena de novembro/2013 Matérias na Câmara PEC 185/2012 Acrescenta parágrafos ao art. 37 da Constituição Federal para estabelecer data certa para a revisão geral anual da remuneração dos servidores públicos e dá outras providências.

Leia mais

INSTITUTO FÓRUM NACIONAL DOS SECRETÁRIOS E DIRIGENTES ESTADUAIS DE TURISMO - INFORUM ESTATUTO SOCIAL SUMÁRIO

INSTITUTO FÓRUM NACIONAL DOS SECRETÁRIOS E DIRIGENTES ESTADUAIS DE TURISMO - INFORUM ESTATUTO SOCIAL SUMÁRIO 1 INSTITUTO FÓRUM NACIONAL DOS SECRETÁRIOS E DIRIGENTES ESTADUAIS DE TURISMO - INFORUM ESTATUTO SOCIAL SUMÁRIO CAPITULO I - DA DENOMINAÇÃO, DOS FINS, DA SEDE E DO PRAZO Art. 2º Para a consecução dos seus

Leia mais

CARTILHA DO ORÇAMENTO DA CÂMARA DOS DEPUTADOS

CARTILHA DO ORÇAMENTO DA CÂMARA DOS DEPUTADOS CARTILHA DO ORÇAMENTO DA CÂMARA DOS DEPUTADOS Sumário - Apresentação... 3 -As três leis básicas... 3 - Como é elaborado o orçamento da União?... 3 Prazos... 4 Esferas... 4 - Quem é responsável pela elaboração

Leia mais

SELEÇÃO EXTERNA CARREIRA ADMINISTRATIVA - CARGO ESCRITURÁRIO DO BANCO DO BRASIL S.A

SELEÇÃO EXTERNA CARREIRA ADMINISTRATIVA - CARGO ESCRITURÁRIO DO BANCO DO BRASIL S.A SELEÇÃO EXTERNA CARREIRA ADMINISTRATIVA - CARGO ESCRITURÁRIO DO BANCO DO BRASIL S.A Confira todos os detalhes do edital de abertura do certame do BANCO DO BRASIL S.A elaborado pela equipe Gran Cursos.

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL FLUMINENSE TRANSFERÊNCIA 2 o semestre letivo de 2005 e 1 o semestre letivo de 2006 CURSO de ARQUITETURA E URBANISMO

UNIVERSIDADE FEDERAL FLUMINENSE TRANSFERÊNCIA 2 o semestre letivo de 2005 e 1 o semestre letivo de 2006 CURSO de ARQUITETURA E URBANISMO UNIVERSIDADE FEDERAL FLUMINENSE TRANSFERÊNCIA 2 o semestre letivo de 2005 e 1 o semestre letivo de 2006 CURSO de ARQUITETURA E URBANISMO Verifique se este caderno contém : INSTRUÇÕES AO CANDIDATO PROVA

Leia mais

TERMO DE REFERÊNCIA COTAÇÃO PRÉVIA DE PREÇO Nº 023/2011 TIPO: MENOR PREÇO

TERMO DE REFERÊNCIA COTAÇÃO PRÉVIA DE PREÇO Nº 023/2011 TIPO: MENOR PREÇO TERMO DE REFERÊNCIA COTAÇÃO PRÉVIA DE PREÇO Nº 023/2011 TIPO: MENOR PREÇO A Federação Nacional dos Trabalhadores e Trabalhadoras na Agricultura Familiar do Brasil FETRAF-BRASIL/CUT, entidade de direito

Leia mais

CAPÍTULO I DAS DISPOSIÇÕES GERAIS

CAPÍTULO I DAS DISPOSIÇÕES GERAIS UNIVERSIDADE POSITIVO COMISSÃO DE PROCESSO SELETIVO CPS VESTIBULAR 1 o SEMESTRE DE 2016 S SUPERIORES DE TECNOLOGIA (TECNÓLOGOS) - PRESENCIAIS. EDITAL N O 354 DE 18/08/2015 A UNIVERSIDADE POSITIVO, por

Leia mais

DECRETO Nº 6.555, DE 8 DE SETEMBRO DE 2008.

DECRETO Nº 6.555, DE 8 DE SETEMBRO DE 2008. DECRETO Nº 6.555, DE 8 DE SETEMBRO DE 2008. Dispõe sobre as ações de comunicação do Poder Executivo Federal e dá outras providências. O PRESIDENTE DA REPÚBLICA, no uso das atribuições que lhe confere o

Leia mais

PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS DE PUBLICIDADE E PROPAGANDA

PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS DE PUBLICIDADE E PROPAGANDA PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS DE PUBLICIDADE E PROPAGANDA Contrato nº: 034/2015 Contratante: Município de Marema Contratada: PÁTRIA 7 PUBLICIDADE LTDA ME Finalidade: Prestação de Serviços de Publicidade e Propaganda

Leia mais

COMISSÃO DE CONSTITUIÇÃO E JUSTIÇA E DE CIDADANIA PROJETO DE LEI Nº 4.302-C, DE 1998

COMISSÃO DE CONSTITUIÇÃO E JUSTIÇA E DE CIDADANIA PROJETO DE LEI Nº 4.302-C, DE 1998 COMISSÃO DE CONSTITUIÇÃO E JUSTIÇA E DE CIDADANIA PROJETO DE LEI Nº 4.302-C, DE 1998 SUBSTITUTIVO DO SENADO FEDERAL AO PROJETO DE LEI Nº 4.302-B, DE 1998, que altera dispositivos da Lei nº 6.019, de 3

Leia mais

Pela revogação das Medidas Provisórias 664 e 665

Pela revogação das Medidas Provisórias 664 e 665 Boletim Econômico Edição nº 56 fevereiro de 2015 Organização: Maurício José Nunes Oliveira Assessor econômico Pela revogação das Medidas Provisórias 664 e 665 As duas medidas visam economizar R$ 18 bilhões

Leia mais

Capítulo I DAS DISPOSIÇÕES GERAIS. Capítulo II DOS ATOS DE AUTORIZAÇÃO E RECONHECIMENTO DOS CURSOS

Capítulo I DAS DISPOSIÇÕES GERAIS. Capítulo II DOS ATOS DE AUTORIZAÇÃO E RECONHECIMENTO DOS CURSOS UNIVERSIDADE POSITIVO COMISSÃO DE PROCESSO SELETIVO CPS VESTIBULAR AGENDADO 3 a ENTRADA VAGAS REMANESCENTES S SUPERIORES DE TECNOLOGIA (TECNÓLOGOS) MODALIDADE PRESENCIAL e MODALIDADE À DISTÂNCIA EDITAL

Leia mais

PROJETO BÁSICO 4. LOCAL OS LOCAIS SÃO OS ESPECIFICADOS EM PLANTA ANEXA NO ITEM 16 DESTE PB;

PROJETO BÁSICO 4. LOCAL OS LOCAIS SÃO OS ESPECIFICADOS EM PLANTA ANEXA NO ITEM 16 DESTE PB; PROJETO BÁSICO Nº 6/12 Data 21/11/2012 UO GECOM Situação Autorizado Objeto USO DE ÁREAS DA TRENSURB PARA ESTACIONAMENTOS NO EVENTO ARENA Texto do Projeto Básico: 1. OBJETO: UTILIZAÇÃO PARA FINS COMERCIAIS

Leia mais

Capítulo I DAS DISPOSIÇÕES GERAIS

Capítulo I DAS DISPOSIÇÕES GERAIS UNIVERSIDADE POSITIVO COMISSÃO DE PROCESSO SELETIVO CPS VESTIBULAR AGENDADO 3 a ENTRADA VAGAS REMANESCENTES S SUPERIORES DE TECNOLOGIA (TECNÓLOGOS) MODALIDADE PRESENCIAL e MODALIDADE À DISTÂNCIA EDITAL

Leia mais

CAPÍTULO I DAS DISPOSIÇÕES GERAIS

CAPÍTULO I DAS DISPOSIÇÕES GERAIS UNIVERSIDADE POSITIVO COMISSÃO DE PROCESSO SELETIVO CPS VESTIBULAR 1 o SEMESTRE DE 2015 VESTIBULAR AGENDADO S SUPERIORES DE TECNOLOGIA (TECNÓLOGOS) EDITAL N O 270 DE 28/08/2014 A UNIVERSIDADE POSITIVO,

Leia mais

1 Ou de fins não econômicos, como prefere o Código Civil em vigor (art. 53, caput).

1 Ou de fins não econômicos, como prefere o Código Civil em vigor (art. 53, caput). MODELO DE ESTATUTO DE FUNDAÇÃO CAPÍTULO I - DA DENOMINAÇÃO, NATUREZA, SEDE, FINS E DURAÇÃO Art. 1º. A Fundação... é uma pessoa jurídica de direito privado, sem fins lucrativos 1, com autonomia administrativa

Leia mais

Processo Legislativo

Processo Legislativo Processo Legislativo Os Projetos de Lei Ordinária e de Lei Complementar são proposições que visam regular toda a matéria legislativa de competência da Câmara e devem ser submetidos à sanção do prefeito

Leia mais

REPARTIÇÃO DE COMPETÊNCIAS E NORMAS GERAIS DE DIREITO URBANÍSTICO

REPARTIÇÃO DE COMPETÊNCIAS E NORMAS GERAIS DE DIREITO URBANÍSTICO REPARTIÇÃO DE COMPETÊNCIAS E NORMAS GERAIS DE DIREITO URBANÍSTICO O Desenvolvimento Urbano e a Constituição Federal AS COMPETÊNCIAS DA UNIÃO Art. 21. Compete à União: XX - instituir diretrizes para o desenvolvimento

Leia mais

Apresentação. Acompanhe a Plenária Extraordinária do VI Congresso Interno em: www.fiocruz.br/congressointerno

Apresentação. Acompanhe a Plenária Extraordinária do VI Congresso Interno em: www.fiocruz.br/congressointerno Apresentação O Guia Prático do VI Congresso Interno (Plenária Extraordinária, maio de 2012), na forma de perguntas e respostas, visa facilitar a compreensão sobre os diversos elementos que compõem o processo

Leia mais

PROGRAMA TRIBUNAL REGIONAL ELEITORAL

PROGRAMA TRIBUNAL REGIONAL ELEITORAL LÍNGUA PORTUGUESA Compreensão e interpretação de textos Tipologia textual Ortografia oficial Acentuação gráfica Emprego das classes de palavras Emprego do sinal indicativo de crase Sintaxe da oração e

Leia mais

CAPÍTULO I DAS DISPOSIÇÕES GERAIS

CAPÍTULO I DAS DISPOSIÇÕES GERAIS UNIVERSIDADE POSITIVO COMISSÃO DE PROCESSO SELETIVO CPS VESTIBULAR 1 o SEMESTRE DE 2015 S SUPERIORES DE TECNOLOGIA (TECNÓLOGOS) EDITAL N O 280 DE 29/09/2014 A UNIVERSIDADE POSITIVO, por sua COMISSÃO DE

Leia mais

DIAP: PREVIDÊNCIA COMPLEMENTAR: SERVIDORES CONTRÁRIOS AO PL 1.992/07

DIAP: PREVIDÊNCIA COMPLEMENTAR: SERVIDORES CONTRÁRIOS AO PL 1.992/07 DIAP: PREVIDÊNCIA COMPLEMENTAR: SERVIDORES CONTRÁRIOS AO PL 1.992/07 Durante audiência pública realizada na Comissão de Trabalho da Câmara dos Deputados, na última quarta-feira (27), associações e sindicatos

Leia mais

PROJETO DE LEI DO SENADO Nº 508, DE 2015

PROJETO DE LEI DO SENADO Nº 508, DE 2015 SENADO FEDERAL Gabinete do Senador JOSÉ SERRA PROJETO DE LEI DO SENADO Nº 508, DE 2015 Altera a Lei nº 11.314, de 3 de julho de 2006, que dispõe sobre o prazo referente ao apoio à transferência definitiva

Leia mais

o PRESIDENTE DO CONSELHO NACIONAL DE JUSTiÇA, no uso de suas atribuições constitucionais e regimentais, e

o PRESIDENTE DO CONSELHO NACIONAL DE JUSTiÇA, no uso de suas atribuições constitucionais e regimentais, e RESOLUÇÃO N.o 83, de 10 de junho de 2009. Dispõe sobre a aquisição, locação e uso de veículos no âmbito do Poder Judiciário brasileiro e dá outras providências. o PRESIDENTE DO CONSELHO NACIONAL DE JUSTiÇA,

Leia mais

PROGRAMAS DAS PROVAS

PROGRAMAS DAS PROVAS ENGENHEIRO CIVIL (prova objetiva) PORTUGUÊS: PROGRAMAS DAS PROVAS 1. Compreensão de textos informativos e argumentativos e de textos de ordem prática (ordens de serviço, instruções, cartas e ofícios).

Leia mais

Concurso Público para Cargos Técnico-Administrativos em Educação UNIFEI 13/06/2010

Concurso Público para Cargos Técnico-Administrativos em Educação UNIFEI 13/06/2010 Questão 21 Conhecimentos Específicos - Assistente em Administração Quanto à revogação ou invalidação dos atos administrativos, é correto afirmar que: A. o ato nulo gera direitos ou obrigações às partes,

Leia mais

Cartilha do SISTEMA DE ATERMAÇÃO ONLINE Para o ajuizamento de ação sem advogado, via internet.

Cartilha do SISTEMA DE ATERMAÇÃO ONLINE Para o ajuizamento de ação sem advogado, via internet. 1 Cartilha do SISTEMA DE ATERMAÇÃO ONLINE Para o ajuizamento de ação sem advogado, via internet. O Serviço de Atermação Online (SAO) é o novo jeito que você tem de buscar atendimento do Juizado Especial

Leia mais

Conjuntos numéricos e Sistemas

Conjuntos numéricos e Sistemas Conjuntos numéricos e Sistemas 1) (Cespe) Três números naturais a, b e c são tais que a + b + c = 131. Na divisão de a por b o quociente é 1 e o resto é 9, e na divisão de c por b, o quociente é 9 e o

Leia mais

SENADO FEDERAL PROJETO DE LEI DO SENADO Nº 269, DE 2010. O CONGRESSO NACIONAL decreta:

SENADO FEDERAL PROJETO DE LEI DO SENADO Nº 269, DE 2010. O CONGRESSO NACIONAL decreta: SENADO FEDERAL PROJETO DE LEI DO SENADO Nº 269, DE 2010 Altera o art. 93 da Lei nº 8.213, de 24 de julho de 1991, para facultar às empresas substituir a contratação de empregados pelo patrocínio de atletas

Leia mais

CURSO DE RESOLUÇÃO DE QUESTÕES JURÍDICAS Disciplina: Direito Ambiental Prof. Fabiano Melo Data:23/06 Aula nº 02 MATERIAL DE APOIO PROFESSOR

CURSO DE RESOLUÇÃO DE QUESTÕES JURÍDICAS Disciplina: Direito Ambiental Prof. Fabiano Melo Data:23/06 Aula nº 02 MATERIAL DE APOIO PROFESSOR CURSO DE RESOLUÇÃO DE QUESTÕES JURÍDICAS Disciplina: Direito Ambiental Prof. Fabiano Melo Data:23/06 Aula nº 02 MATERIAL DE APOIO PROFESSOR (Promotor de Justiça SP/2010) 01. Na ação de responsabilidade

Leia mais

CAPÍTULO I DAS DISPOSIÇÕES GERAIS

CAPÍTULO I DAS DISPOSIÇÕES GERAIS UNIVERSIDADE POSITIVO COMISSÃO DE PROCESSO SELETIVO CPS VAGAS REMANESCENTES 1 o SEMESTRE DE 2015 VESTIBULAR AGENDADO 3 S SUPERIORES DE TECNOLOGIA (TECNÓLOGOS) EDITAL N O 293 DE 17/11/2014 A UNIVERSIDADE

Leia mais

LEI COMPLEMENTAR Nº 105, DE 10 DE JANEIRO DE 2001.

LEI COMPLEMENTAR Nº 105, DE 10 DE JANEIRO DE 2001. LEI COMPLEMENTAR Nº 105, DE 10 DE JANEIRO DE 2001. O PRESIDENTE DA REPÚBLICA, Dispõe sobre o sigilo das operações de instituições financeiras e dá outras providências. Faço saber que o Congresso Nacional

Leia mais

Consultoria de Orçamento e Fiscalização Financeira

Consultoria de Orçamento e Fiscalização Financeira Nota Técnica n.º 8, de 2015. Consultoria de Orçamento e Fiscalização Financeira Subsídios acerca da adequação orçamentária e financeira da Medida Provisória nº 670, de 10 de março de 2015. Núcleo da Receita

Leia mais

Agente de Vigilância Previdenciária Auxiliar de Serviços Gerais Motorista ITAPREVI. Nível Fundamental Completo 22.01.2012 - MANHÃ

Agente de Vigilância Previdenciária Auxiliar de Serviços Gerais Motorista ITAPREVI. Nível Fundamental Completo 22.01.2012 - MANHÃ Agente de Vigilância Previdenciária Auxiliar de Serviços Gerais Motorista ITAPREVI Nível Fundamental Completo 22.01.2012 - MANHÃ AG. DE VIGILÂNCIA PREVIDENCIÁRIA / AUX. DE SERVIÇOS GERAIS / MOTORISTA

Leia mais

Maratona Fiscal ISS Direito administrativo

Maratona Fiscal ISS Direito administrativo Maratona Fiscal ISS Direito administrativo 1. É adequada a invocação do poder de polícia para justificar que um agente administrativo (A) prenda em flagrante um criminoso. (B) aplique uma sanção disciplinar

Leia mais

MINISTÉRIO PÚBLICO DE CONTAS DO ESTADO DE SÃO PAULO

MINISTÉRIO PÚBLICO DE CONTAS DO ESTADO DE SÃO PAULO Dra. Élida Graziane Pinto Procuradora do Ministério Público de Contas do Estado de São Paulo Pós-doutora em Administração pela EBAPE-FGV Doutora em Direito Administrativo pela UFMG Esforço de aproximação

Leia mais

UNIVERSIDADE POSITIVO COMISSÃO DE PROCESSO SELETIVO CPS VAGAS REMANESCENTES

UNIVERSIDADE POSITIVO COMISSÃO DE PROCESSO SELETIVO CPS VAGAS REMANESCENTES UNIVERSIDADE POSITIVO COMISSÃO DE PROCESSO SELETIVO CPS VAGAS REMANESCENTES 1 o SEMESTRE DE 2015 CURSOS DE BACHARELADO E LICENCIATURA VESTIBULAR AGENDADO 2 e de DIA FIXO EDITAL N O 296 DE 03/12/2014 A

Leia mais

Medida Provisória nº 691/2015

Medida Provisória nº 691/2015 Medida Provisória nº 691/2015 Brasília, Setembro/2015 AUDIÊNCIA PÚBLICA SENADO GESTÃO DE IMÓVEIS DA UNIÃO APERFEIÇOAMENTO DO MARCO LEGAL- MP 691/2015 Alienação de terrenos em áreas urbanas consolidadas

Leia mais

CONTRATO ADMINISTRATIVO

CONTRATO ADMINISTRATIVO PREFEITURA MUNICIPAL DE CACHOEIRA DE MINAS MG Praça da Bandeira, n.º 276, Centro - CEP: 37.545-000 Tel.: (35)3472-1270 / 3472-1333 Fax: (35) 3472-1200 CNPJ n.º 18.675.959/0001-92 CONTRATO ADMINISTRATIVO

Leia mais

PARECER SOBRE O REGIME DE PREVIDÊNCIA COMPLEMENTAR NA BAHIA

PARECER SOBRE O REGIME DE PREVIDÊNCIA COMPLEMENTAR NA BAHIA PARECER SOBRE O REGIME DE PREVIDÊNCIA COMPLEMENTAR NA BAHIA I. Intróito Na qualidade de Professor de Servidor Público da UESB e de advogado da ADUSB, nos fora solicitado pela Diretoria desta entidade sindical

Leia mais

MINISTÉRIO DO MEIO AMBIENTE Conselho Nacional do Meio Ambiente CONAMA

MINISTÉRIO DO MEIO AMBIENTE Conselho Nacional do Meio Ambiente CONAMA MINISTÉRIO DO MEIO AMBIENTE Conselho Nacional do Meio Ambiente CONAMA Procedência: 38ª Reunião da Câmara Técnica de Assuntos Jurídicos Data: 04 e 05 de dezembro de 2007 Processo n 02000.003674/2005-12

Leia mais

CARGO: AGENTE DE SERVIÇOS GERAIS FUNÇÃO LIMPEZA E CONSERVAÇÃO (COPA E COZINHA) NÍVEL II INSTRUÇÕES

CARGO: AGENTE DE SERVIÇOS GERAIS FUNÇÃO LIMPEZA E CONSERVAÇÃO (COPA E COZINHA) NÍVEL II INSTRUÇÕES SAAE - SERVIÇO AUTÔNOMO DE ÁGUA E ESGOTO JATAIZINHO - ESTADO DO PARANÁ CONCURSO PÚBLICO EDITAL 001/2015 PROVA OBJETIVA - 05 / 07 / 2015 CARGO: AGENTE DE SERVIÇOS GERAIS FUNÇÃO LIMPEZA E CONSERVAÇÃO (COPA

Leia mais

PREFEITURA DE PALMAS SECRETARIA MUNICIPAL DE ASSSUNTOS JURÍDICOS

PREFEITURA DE PALMAS SECRETARIA MUNICIPAL DE ASSSUNTOS JURÍDICOS DECRETO N o 525, DE 11 DE JULHO DE 2013. Regulamenta a utilização de veículos oficiais pela administração direta e indireta do Município de Palmas. O PREFEITO DE PALMAS, no uso de suas atribuições que

Leia mais

PARECER Nº, DE 2013. RELATOR: Senador ARMANDO MONTEIRO

PARECER Nº, DE 2013. RELATOR: Senador ARMANDO MONTEIRO PARECER Nº, DE 2013 Da COMISSÃO DE CONSTITUIÇÃO, JUSTIÇA E CIDADANIA, sobre o Projeto de Lei do Senado nº 368, de 2012, da Senadora Ana Amélia, que altera a Lei nº 12.651, de 25 de maio de 2012, para dispor

Leia mais

NÍVEL FUNDAMENTAL COMPLETO

NÍVEL FUNDAMENTAL COMPLETO CONCURSO PÚBLICO - Edital N.º 001/2009 - PREFEITURA MUNICIPAL DE CONCEIÇÃO DO ARAGUAIA REALIZAÇÃO DA PROVA OBJETIVA: 27 de Setembro de 2009 NÍVEL FUNDAMENTAL COMPLETO Cargos: (AUXILIAR DE CONSULTÓRIO DENTÁRIO,

Leia mais

Prova do Nível 1 (resolvida)

Prova do Nível 1 (resolvida) Prova do Nível (resolvida) ª fase 0 de novembro de 0 Instruções para realização da prova. Verifique se este caderno contém 0 questões e/ou qualquer tipo de defeito. Se houver algum problema, avise imediatamente

Leia mais

AGENTE DE FISCALIZAÇÃO - ESPECIALIDADE - ENGENHARIA CIVIL Prova Discursiva

AGENTE DE FISCALIZAÇÃO - ESPECIALIDADE - ENGENHARIA CIVIL Prova Discursiva Tribunal de Contas do Município de São Paulo 61 Concurso Público 2015 TARDE Nível Superior AGENTE DE FISCALIZAÇÃO - ESPECIALIDADE - ENGENHARIA CIVIL Prova Discursiva Além deste caderno de prova, contendo

Leia mais

EMBRACON Empresa Brasileira de Administração de Condomínio Ltda.

EMBRACON Empresa Brasileira de Administração de Condomínio Ltda. Garantia da construtora Assim como outros bens ele tem uma garantia, o imóvel possui a garantia legal dada pela construtora de no mínimo cinco anos, mas determinar o responsável por grandes falhas ou pequenos

Leia mais

ANEXO 1 TERMO DE REFERÊNCIA Fornecimento e instalação de coberturas metálicas para o prédio da Sede da SJES na capital

ANEXO 1 TERMO DE REFERÊNCIA Fornecimento e instalação de coberturas metálicas para o prédio da Sede da SJES na capital ANEXO 1 TERMO DE REFERÊNCIA Fornecimento e instalação de coberturas metálicas para o prédio da Sede da SJES na capital 1 OBJETO: 1.1 Contratação de empresa especializada para fornecimento, montagem e instalação

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA-UFSM FUNDAÇÃO DE APOIO À TECNOLOGIA E CIÊNCIA EDITAL DE PROCESSO SELETIVO PÚBLICO N 2015/3010064-01

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA-UFSM FUNDAÇÃO DE APOIO À TECNOLOGIA E CIÊNCIA EDITAL DE PROCESSO SELETIVO PÚBLICO N 2015/3010064-01 UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA-UFSM FUNDAÇÃO DE APOIO À TECNOLOGIA E CIÊNCIA EDITAL DE PROCESSO SELETIVO PÚBLICO N 2015/3010064-01 INSCRIÇÕES PARA SELEÇÃO A FUNDAÇÃO DE APOIO À TECNOLOGIA E CIÊNCIA

Leia mais

Lei 7645 de 12 de Fevereiro de 1999

Lei 7645 de 12 de Fevereiro de 1999 Lei 7645 de 12 de Fevereiro de 1999 INSTITUI O PLANO DE CARREIRA DOS SERVIDORES DA ÁREA DE ATIVIDADES DE TRIBUTAÇÃO, ESTABELECE A RESPECTIVA TABELA DE VENCIMENTO E DISPÕE SOBRE O QUADRO ESPECIAL DA SECRETARIA

Leia mais

COMISSÃO DE MEIO AMBIENTE E DESENVOLVIMENTO SUSTENTÁVEL

COMISSÃO DE MEIO AMBIENTE E DESENVOLVIMENTO SUSTENTÁVEL COMISSÃO DE MEIO AMBIENTE E DESENVOLVIMENTO SUSTENTÁVEL PROJETO DE LEI N o 4.095, DE 2012 Altera a Lei nº 10.257, de 10 de julho 2001, que regulamenta os arts. 182 e 183 da Constituição Federal, estabelece

Leia mais

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL MJ - DEPARTAMENTO DE POLÍCIA FEDERAL DGP - ACADEMIA NACIONAL DE POLÍCIA DAD - COMISSÃO PERMANENTE DE LICITAÇÃO

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL MJ - DEPARTAMENTO DE POLÍCIA FEDERAL DGP - ACADEMIA NACIONAL DE POLÍCIA DAD - COMISSÃO PERMANENTE DE LICITAÇÃO SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL MJ - DEPARTAMENTO DE POLÍCIA FEDERAL DGP - ACADEMIA NACIONAL DE POLÍCIA DAD - COMISSÃO PERMANENTE DE LICITAÇÃO CONTRATO Nº 25 /2005 TERMO DE CONTRATO QUE ENTRE SI CELEBRAM A UNIÃO

Leia mais