ancária BInformativo do Sindicato dos Bancários do Ceará Edição nº de junho a 5 de julho de 2014

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "ancária BInformativo do Sindicato dos Bancários do Ceará Edição nº 1340 30 de junho a 5 de julho de 2014"

Transcrição

1 ancária BInformativo do Sindicato dos Bancários do Ceará Edição nº de junho a 5 de julho de 2014 Demissões: bancos cortam empregos e mantém alta rotatividade O destaque ficou para os bancos privados e o Banco do Brasil que cortaram postos de trabalho de janeiro a maio deste ano (pág. 5) Categoria é convocada para apreciar e deliberar sobre prestação de contas do exercício de 2013 do Sindicato, em assembleia, dia 3/7 (pág. 3) Caixa desrespeita o acordo aditivo à Convenção Coletiva de Trabalho e fará um ranqueamento dos empregados individualmente (pág. 4) Equiparação do BNB ao BB: membro da oposição ao Sindicato pede na Justiça a exclusão de 460 beneficiários da ação (pág. 7)

2 Edição de junho a 5 de julho de 2014 Tribuna Bancária ATAQUES A BANCOS Ações registradas no 1º semestre de 2014 caem pela metade em relação a 2013 Os ataques a bancos no primeiro semestre de 2014 caíram quase pela metade, se comparados ao mesmo período de De janeiro a junho deste ano, o Sindicato dos Bancários do Ceará registrou 40 ataques a bancos ou a cidadãos, enquanto que nos seis primeiros meses do ano passado foram registrados 78. Dessas ocorrências, foram contabilizadas oito saidinhas em 2014 contra 28 em Ou seja, ataques feitos diretamente a bancos foram 32 no primeiro semestre de 2014 contra 50 em Neste ano foram registrados ainda nove assaltos, 14 arrombamentos, duas tentativas de assalto e sete tentativas de arrombamentos. Em Fortaleza, onde está em vigência o Estatuto Municipal de Segurança Bancária, que obriga os bancos a instalarem vários mecanismos de segurança nas agências, as ocorrências caíram bruscamente. No primeiro semestre de 2013 foram 32 ataques em Fortaleza e 46 no Interior, enquanto que este ano foram apenas seis ocorrências na Capital contra 34 no Interior. Por outro lado, o uso de explosivos nos ataques a banco ainda continua alto. Em 2013 foram registradas no primeiro semestre 12 ações com uso de explosivos, enquanto que neste ano, mesmo com o número de ações bem inferiores, os assaltantes utilizaram explosivos em 13 ações. Bradesco é o alvo preferido O Bradesco ultrapassou o Banco do Brasil na categoria de alvo preferido dos assaltantes de banco. Nos seis primeiros meses de 2014 foram 21 ações contra o Bradesco, 14 contra o BB, duas contra o Santander, Foto: Secretaria de Imprensa SEEB/CE uma contra o Itaú, uma contra a Caixa Econômica e em uma não foi informado qual o banco alvo. Já em 2013 foram 31 ações tendo como alvo o BB, 27 contra o Bradesco, seis não informados, cinco contra o Itaú, cinco contra a Caixa, três contra o Santander. Violência As ações continuam violentas, com uso de reféns para facilitar a fuga, algumas resultando em tiroteios e mortes. No primeiro semestre deste ano, foram registradas sete ações com reféns e uma morte, numa saidinha dia 24/2. Já nos seis primeiros meses de 2013 foram 10 ações com reféns e uma morte, dia 8/3/13, num ataque a carro forte. Faculdades FAFOR e FAECE garantem descontos aos associados do Sindicato O convênio do Sindicato dos Bancários do Ceará com a Faculdade de Fortaleza FAFOR e a Faculdade de Ensino e Cultura do Ceará FAECE, possibilita que os bancários tenham desconto de 10% na mensalidade de Graduação (bacharelados, licenciaturas e tecnológicos), sequenciais e Pós-Graduação Latu Sensu (especialização). Os convênios abrangem os bancários sindicalizados, cônjuges ou companheiro de união estável, os filhos e enteados, menor sob guarda, irmãos, netos e bisnetos não emancipados, solteiros até 24 anos completos. Para usufruir dos descontos das duas faculdades, o beneficiário deverá participar do processo seletivo. Ao ser aprovado, o associado efetuará o pagamento da primeira parcela, sem incidência do desconto. Este somente entrará em vigor 30 dias após a assinatura do contrato com as Faculdades FAFOR e FAECE. Portanto, o desconto será efetuado somente sobre as parcelas a vencer. Mais informações sobre cursos, vestibular, valor de mensalidades e matrícula: FAECE e FAFOR Rua Caetano Ximenes Aragão, 110, bairro Luciano Cavalcante. (85) acesse os sites e Expediente Home Page: Endereço Eletrônico: Telefone geral : (85) Fax: (85) Tribuna Bancária: (85) Fax: (85) Rua 24 de Maio, Fortaleza Ceará Presidente: Carlos Eduardo Bezerra Diretor de Imprensa: Marcos Aurélio Saraiva Holanda Jornalista Resp: Lucia Estrela - CE00580JP Repórter: Sandra Jacinto - CE01683JP Projeto Gráfi co e Diagramação: Normando Ribeiro CE00043DG Impressão: Expressão Gráfica Tiragem: exemplares

3 Tribuna Bancária Edição de junho a 5 de julho de ASSEMBLEIA Sindicato convoca categoria para apreciar e deliberar sobre prestação de contas O Sindicato dos Bancários do Ceará convoca toda a categoria para uma assembleia no próximo dia 3 de julho (quinta-feira) para apreciação da prestação de contas do exercício financeiro de 2013 da entidade. A assembleia acontece às 18h em primeira convocação ou às 18h30 em segunda convocação, no auditório do Sindicato (Rua 24 de Maio, 1289 Centro). Confira abaixo o resumo do demonstrativo das contas da entidade assim como o edital de convocação da assembleia. Notas explicativas, bem como o demonstrativo integral das contas estarão disponíveis no site do SEEB/CE. SINDICATO DOS EMPREGADOS EM ESTABELECIMENTOS BANCÁRIOS NO ESTADO DO CEARÁ BALANÇO 2013 RECEITAS ,58 RECEITAS TRIBUTÁRIAS ,58 RECEITAS SOCIAIS ,49 RECEITAS JURÍDICAS ,13 RECEITAS FINANCEIRAS ,27 OUTRAS RECEITAS SOCIAIS ,11 DESPESAS ,41 DESPESAS OPERACIONAIS GERAIS ,41 DESPESAS COM PESSOAL ,35 DESPESAS SECRETARIA DE FINANÇAS ,47 DESPESAS ADMINISTRATIVAS ,59 DESPESAS TRIBUTÁRIAS 6.047,14 DESPESAS FINANCEIRAS 7.759,19 DESPESAS SECRETARIA GERAL 5.601,05 DESPESAS COM JURÍDICO ,62 DESPESA OPERACIONAL SINDICAL ,00 DESPESAS C/ CAMPANHA SALARIAL ,62 DESPESAS C/ IMPRENSA ,97 DESPESAS C/ ESPORTES ,87 DESPESAS C/ AÇÃO SINDICAL ,81 DESPESAS C/ FORMAÇÃO ,08 DESPESAS C/ CULTURA ,47 DESPESA C/ SAÚDE ,50 CONTRIBUIÇÕES A ENTIDADES ,12 DESP COM ORGANIZAÇÃO SINDICAL ,44 DESP COM INTERIOR REGIONAL ,11 DESP SÓCIO-ECONÔMICO ,00 DESPESAS COM APOSENTADOS 2.861,01 ATIVO ,10 ATIVO CIRCULANTE ,02 DISPONIBILIDADES ,07 CRÉDITOS ,95 MENSALIDADES E CONT A RECEBER ,52 ADIANTAMENTOS E EMPRÉSTIMOS ,43 OUTROS CRÉDITOS ,79 DESPESAS ANTECIPADAS 6.311,21 ATIVO NÃO CIRCULANTE ,08 REALIZÁVEL A LONGO PRAZO ,05 IMOBILIZADO ,03 PASSIVO ,10 CIRCULANTE ,20 FORNECEDORES ,52 OBRIGAÇÕES SOCIAIS ,39 OUTRAS OBRIGAÇÕES ,29 PATRIMÔNIO SOCIAL ,90 EDITAL ASSEMBLEIA GERAL ORDINÁRIA O Sindicato dos Trabalhadores em Empresas do Ramo Financeiro no Estado do Ceará (SINTRAFI-CE), anteriormente denominado Sindicato dos Bancários do Ceará, inscrito no CNPJ/MF sob o nº / e Registro Sindical nº , por seu presidente, abaixo assinado, convoca todos os trabalhadores pertencentes ao Ramo Financeiro de sua base territorial para a Assembleia Geral Ordinária, que será realizada no dia 03 de julho de 2014, às 18h00min, em primeira convocação, ou às 18h30min, em segunda e última convocação, tendo como local o auditório deste Sindicato, na Rua 24 de Maio, 1289 Centro, nesta capital, para apreciação e deliberação sobre a prestação de contas do exercício financeiro de Fortaleza-CE, 26 de junho de Carlos Eduardo Bezerra Marques PRESIDENTE

4 Edição de junho a 5 de julho de 2014 Tribuna Bancária RANQUEAMENTO Caixa desrespeita Convenção Coletiva ao cobrar metas individuais de seus empregados Ao divulgar recentemente um documento com as diretrizes para a implantação do Programa de Gestão de Desempenho de Pessoas, que descreve as etapas do processo de cumprimento de metas, a Caixa Econômica Federal desrespeita o acordo aditivo à Convenção Coletiva de Trabalho. A denúncia foi formulada pela Apcef/SP, para quem o programa deixa claro que haverá consequências pertinentes ao desempenho de cada um. Um dos objetivos do programa é realizar ranqueamento individual de empregados. Isto, inclusive, poderá acarretar na ressurreição do antigo PRX, que privilegiava a distribuição dos lucros entre o alto escalão do banco. Os empregados lembram que o assunto também esteve na pauta da mesa de negociações permanentes, realizada em 28 de maio. Os empregados denunciam ainda que a implementação do Programa de Gestão de Desempenho de Pessoas, já em vigor em muitas agências de São Paulo, agravará ainda mais a situação de cobrança que gera adoecimento e assédio moral. Além da pressão descabida, há a exposição dos empregados, uma prática proibida pela cláusula 36ª do acordo coletivo da categoria bancária referente ao monitoramento de resultados. Ali, por exemplo, é dito que os bancos estão proibidos de expor, publicamente, o ranking individual de seus empregados, assim como a cobrança de resultados por torpedos (SMS), pelo gestor, no telefone particular do empregado. Desde que o programa passou a ser implantado pela Caixa, o volume de denúncias de empregados de várias unidades, que sofrem com pressão e assédio para cumprimento de metas, tem aumentado a cada dia. O maior prejuízo com essa situação é relativo às condições de trabalho dos empregados, já precárias. A luta, portanto, é para que a medida seja revogada urgentemente. As entidades representativas são totalmente contrárias ao estabelecimento de metas individuais, que leva à prática de assédio moral e incentiva a competição predatória de colegas de uma mesma unidade Áureo Júnior, presidente da Apcef/CE Cassi prorroga recadastramento de cônjuges dependentes até 6/7 A Caixa de Assistência dos Funcionários do Banco do Brasil (Cassi) prorrogou para 6 de julho o prazo para os associados que tiverem dependentes com vínculo de cônjuge ou companheiro (a), com adesão até 31/12/2012, realizar o recadastramento desses dependentes no Plano de Associados. O formulário de Declaração de recadastramento de Dependente Plano de Associados está disponível no site da ins- tituição, na área Serviços para você, opção Recadastramento de dependente. Para acessar o serviço, é necessário ter e senha previamente cadastrados. Atualizar informações O recadastramento tem por objetivo atualizar as informações da base de dados cadastrais mantidas pela Caixa de Assistência, visando com isso atender a Resolução Normativa nº 117/2005, da Agência Nacional de Saúde Suplementar (ANS). Além disso, o recadastramento é importante para assegurar aos associados que sejam mantidas no plano de saúde, como dependentes, apenas aquelas pessoas previstas no artigo 12 do Estatuto Social da Cassi. Nos termos do art. 43 do Regulamento do Plano de Associados (RPA), os dependentes não recadastrados no prazo estipulado terão a cobertura assistencial suspensa até que a situação seja regularizada. Para aqueles que não possuem acesso à internet, é possível fazer a declaração pela Central Cassi ( ) ou em uma das Unidades Cassi. Para realizar o recadastramento pela Central ou em uma das Unidades, é preciso ter em mãos as seguintes informações: nome completo e CPF do cônjuge/companheiro(a), nome e localidade do cartório de registro da certidão de casamento ou declaração de união estável.

5 Tribuna Bancária Edição de junho a 5 de julho de CONTRAMÃO Pesquisa mostra que bancos cortaram empregos de janeiro a maio Os bancos fecharam empregos de janeiro a maio de Enquanto os bancos privados e o Banco do Brasil cortaram postos de trabalho, a Caixa Econômica Federal abriu novas vagas no mesmo período, o que evitou um resultado ainda pior para o setor, que é o mais lucrativo do País. O corte de empregos nos bancos contraria o movimento da economia brasileira, que gerou novos empregos formais nos primeiros cinco meses do ano. Os dados constam na Pesquisa de Emprego Bancário (PEB) divulgada na quarta-feira (25/6) pela Contraf-CUT, que faz o estudo em parceria com o Dieese, com base nos números do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged) do Ministério do Trabalho e Emprego (MTE). Conforme o estudo, além da redução de vagas, a rotatividade seguiu alta no período. Os bancos brasileiros contrataram funcionários e desligaram Um total de 17 estados apresentaram saldos negativos de emprego no período. Os maiores cortes ocorreram em São Paulo, Rio de Janeiro, Rio Grande do Sul e Minas Gerais, com 1.560, 422, 398 e 323 cortes, respectivamente. O estado com maior saldo positivo foi o Pará, com geração de 121 novas vagas. Os cortes de emprego contrastam com o lucro dos bancos. No ano passado, os seis maiores bancos (BB, Itaú, Bradesco, Caixa, Santander e HSBC) lucraram R$ 56,7 bilhões. Rotatividade A pesquisa Saldo do Emprego Bancário por CNAE / Brasil Janeiro a Maio de 2014 Setor de Atividade Econômica Nº de Trab. mostra também que o salário médio dos admitidos pelos bancos nos primeiros cinco meses do ano foi de R$ 3.268,95 contra o salário médio de R$ 5.188,23 dos desligados. Assim, os trabalhadores que entraram nos bancos receberam valor médio equivalente a 63% da remuneração dos que saíram. Desigualdade A pesquisa revela também que as mulheres, ainda que representem metade da categoria, permanecem sendo discriminadas. Enquanto a média dos salários dos homens na admissão foi de R$ 3.749,06 de janeiro a maio deste ano, a remuneração das mulheres ficou em R$ 2.792,04, valor que representa 74,5% da remuneração de contratação dos homens. Já a média dos salários dos homens no desligamento foi de R$ 5.956,71 no período, enquanto a remuneração das mulheres foi de R$ 4.371,98. Isso significa que o salário médio das mulheres no desligamento Admitidos Rem. Média (em R$) Nº de Trab. Desligados equivale a 73,4% da remuneração dos homens. Concentração de renda No Itaú, cada membro do Conselho de Administração recebeu, em média, R$ 15, 5 milhões em 2013, o que representa 318,5 vezes o que ganhou o bancário do piso salarial. No Santander, cada diretor embolsou, em média, R$ 7,7 milhões no mesmo Rem. Média (em R$) Saldo Diferença da Rem. Média (%) Bancos Comerciais , , ,3% Bancos Múltiplos, com Careira Comercial , , ,2% Caixas Econômicas , , ,8% Bancos Múltiplos, sem Carteira Comercial , , ,0% Bancos de Investimento , , ,0% Total , , ,0% Fonte: MTE/SPPE/DES/CGET - CAGED LEI 4.923/65 Elaboração: DIEESE Rede Bancários período, o que significa 158,2 vezes o salário do caixa. E no Bradesco, que pagou, em média, R$ 13 milhões no ano para cada diretor, a diferença para o salário do caixa foi de 270 vezes. Desta forma, para ganhar a remuneração mensal de um desses executivos, o caixa do Itaú tem que trabalhar 26,5 anos, o caixa do Santander 13 anos e o do Bradesco 22,5 anos. Mesmo com lucros bilionários, os bancos, sobretudo os privados, continuam eliminando postos de trabalho. Os números da nova pesquisa fortalecem cada vez mais a luta dos bancários contra as demissões e pelo fim da rotatividade, por mais contratações e contra o PL 4330 da terceirização, como forma de proteger o emprego Carlos Eduardo Bezerra, presidente do Sindicato dos Bancários do Ceará e da Fetrafi/NE

6 Edição de junho a 5 de julho de 2014 Tribuna Bancária COPA DO MUNDO Sindicato divulga vencedores da promoção Bancários na Copa A bancária do BNB, Maria José de Oliveira Moreira, foi a grande vencedora da promoção Bancários na Copa, ganhando a TV de 60 e mais uma camisa da Seleção Brasileira. Ela marcou 470 pontos cadastrando no site seus palpites para os jogos da primeira fase da Copa do Mundo. Quem se classificou do 2º ao 20º lugar também ganhará camisas da Seleção. Quem se cadastrou no site, dava seu palpite sobre os resultados dos 48 jogos da primeira fase da Copa. Quem acertava o placar, acumulava 30 pontos, enquanto quem só acertava o resultado (vitória ou empate), acumulava 10 pontos. O critério de desempate utilizado foi o seguinte: maior número de placares acertados; maior número de resultados acertados e, por último, caso permanecesse o empate, o número da inscrição. Durante toda esta semana, o Sindicato dos Bancários fará a entrega da premiação procurando os vencedores em suas respectivas agências. Lista dos Ganhadores Coloc. Nome Pontos 1º) MARIA JOSÉ DE OLIVEIRA MOREIRA - BNB 470 2º) LUCIANO CORTEZ MARCOMINI - BB 470 3º) ISABEL DO O ROSAS DE ARAUJO - CEF 470 4º) JOSE PLAUTO MACEDO Aposentado BB 460 5º) FRANCISCO DE ASSIS MARINHO - Bradesco 460 6º) ORLANDO CARVALHO GOMES JUNIOR BNB 460 7º) MANOEL FERNANDES SOBRINHO Aposentado BB 460 8º) VICTOR TADEU DE SOUSA - BB 450 9º) MATHEUS PORTINARI COSTA OLIVEIRA- Bradesco º) JANINE GOMES FURTADO ALVES BB º) LENIELSON COSTA E SOUSA - BB º) MAURO DE OLIVEIRA - BNB º) DIEGO LIMA DA SILVA - Bradesco º) ANTONIO AMARILDO FERNANDES PENA - BB º) CARLOS IDELFO ARAUJO BANDEIRA BNB º) SILVIO CESAR SOUSA FONTENELE - CEF º) ITALO JERONIMO NUNES E SILVA - BNB º) MARIA RAFAELA DE OLIVEIRA - BB º) JOHNNY NELSON MOREIRA MARQUES - BB º) NATALIA CARINNE PINHEIRO DE MORAES - Bradesco 430 A promoção foi um grande sucesso, com mais de bancários sindicalizados inscritos. Também foi oportuno porque criamos um momento de interação com o bancário durante um acontecimento ímpar como a Copa do Mundo no Brasil Marcos Saraiva, secretário de Imprensa do Sindicato dos Bancários do Ceará Bancários são convocados a responder à consulta sobre as prioridades da Campanha Nacional 2014 A consulta nacional à categoria sobre as prioridades da campanha salarial 2014 é o primeiro passo para a deflagração de uma campanha realmente unificada, forte e representativa. Essa consulta já foi deflagrada e está sendo feita na base de cada sindicato, cabendo aos bancários apontarem os itens para compor a pauta de reivindicações da categoria, a ser entregue à Fenaban. Os números obtidos pela pesquisa, no entanto, devem ser informados para a Secretaria-Geral da Contraf/ CUT até o dia 11 de julho. A apuração nacional poderá ser facilitada pelo preenchimento de um modelo específico enviado pela Confederação para as entidades sindicais de todo o País. A Contraf/CUT considera fundamental ouvir a opinião de cada bancário no seu local de trabalho. Isto reafirmará desde o início o processo democrático e participativo de todo o processo, a fim de construir mais uma campanha vitoriosa para a categoria. A consulta deve ser aplicada, sobretudo, para aferir quais são as prioridades, demandas e principais preocupações dos bancários de todo o País. Entre as questões apresentadas, destacam-se as reivindicações de remuneração fixa e variável, como o índice de reajuste salarial. O questionário também pergunta sobre quais devem ser as demandas prioritárias de emprego, saúde, segurança e condições de trabalho. Além disso, é perguntado sobre a disposição do bancário de participar da campanha salarial deste ano. O resultado final da consulta será apresentado durante a 16ª Conferência Nacional dos Bancários, que será realizada entre 25 e 27 de julho, em Atibaia (SP).

7 Tribuna Bancária Edição de junho a 5 de julho de AÇÃO DE EQUIPARAÇÃO DO BNB Representante da oposição ao Sindicato pede ao Ministério Público do Trabalho exclusão de 460 substituídos O beneficiário da Ação de Equiparação e membro do grupo que faz oposição a atual diretoria do Sindicato dos Bancários dos Ceará, José de Maria Timbó, ingressou com denúncia contra o Sindicato junto ao Ministério Público do Trabalho para excluir da Ação de Equiparação BNB x BB 460 substituídos que foram contemplados no processo após grande esforço realizado pelo SEEB/CE junto à justiça do trabalho. O argumento utilizado por Timbó é que esses substituídos não integravam a relação inicial e sua inclusão reduziria o valor a ser pago aos reais substituídos, isto é, os iniciais, entre os quais o denunciante se inclui. Para o Sindicato, esta é uma questão vencida, uma vez que tanto a juíza do trabalho, na audiência de 29/08/2013, aceitou os argumentos do Sindicato para incluir esses 460 substituídos, quanto às negociações com o BNB envolvem todos os substituídos. Porém, a intervenção do Ministério Público do Trabalho é mais um fator complicador para o desfecho favorável da ação, além do desafio de chegarmos a um consenso com o Banco sobre os cálculos, como deseja e está trabalhando o Sindicato. Por desinformação ou má fé, José de Maria Timbó, que na última plenária sobre a Ação declarou-se publicamente como representante da oposição ao SEEB/CE, não levou em conta que o valor global a ser pago da equiparação, seja por acordo ou por liquidação judicial, resultará do somatório dos valores individuais calculados. Portanto, a exclusão de 460 substituídos, além de uma injustiça e falta de solidariedade contra seus próprios colegas de Banco, apenas beneficiaria o BNB, levando à redução do valor global a ser pago pela empresa, não implicando em modificação nos valores individuais dos substituídos, inclusive o valor dele próprio. A atitude de José Timbó se assemelha a ações de outros colegas que se declaram de oposição, que tentam criar um clima desfavorável a um acordo com o Banco sobre a equiparação, acusando o Sindicato de protelar a ação e não pedir a liquidação judicial de imediato. Para todos que assim pensam um aviso: o Sindicato dos Bancários do Ceará jamais tomará qualquer medida por pressão de alguns poucos. É por isso que todas as decisões importantes são tomadas em assembleia, única forma de assegurar a vontade e os interesses da maioria. E assim será em relação ao acordo, que será feito ou não dependendo da vontade democrática e soberana da maioria dos beneficiários. Membros da oposição precisam repensar sua visão de solidariedade de classe. Com posicionamentos como os externados pelo Sr. Timbó fica difícil acreditar no discurso oposicionista Tomaz de Aquino, diretor do Sindicato e coordenador da CNFBNB

8 Edição de junho a 5 de julho de 2014 Tribuna Bancária SANTANDER Bancários voltam a cobrar reunião com o banco para discutir emprego Uma nova carta foi enviada na quarta-feira (25/6) pelas entidades sindicais ao presidente do Santander Brasil, Jesús Zabalza, cobrando uma reunião para debater emprego e fim das demissões. Duas correspondências haviam sido encaminhadas anteriormente com o mesmo conteúdo. A última foi entregue em mãos no dia 27 de maio para a diretora de Recursos Humanos, Vanessa Lobato, durante o ato nacional contra as dispensas no banco em frente à Torre Santander. No dia 6 de junho, o executivo remeteu uma carta-resposta para as entidades, dizendo que em função de compromissos já assumidos, inclusive fora do País e que me impossibilitam de recebê-los com a urgência requerida, solicitarei à Vice- Presidência Executiva Sênior que viabilize uma agenda futura para que a reunião ocorra oportunamente. Passados quase 20 dias, Zabalza permanece em silêncio e se encontra no País, tendo inaugurado na segunda-feira (23/6) o novo data-center do Santander em Campinas (SP). Na nova carta, as entidades reafirmam a importância do diálogo com os dirigentes sindicais para buscar alternativas de gestão. Dado à gravidade do problema e o tempo que já transcorreu da última resposta, encaminhamos novamente pedido para que seja priorizada data urgente para se reunir com representantes dos trabalhadores para discutirmos alternativas de gestão que não passem pela demissão. Essa postura equivocada já eliminou mais de cinco mil postos de trabalho e não trouxe nenhuma melhoria nos resultados do banco, destaca o documento. Não é razoável que um banco que lucra bilhões no Brasil continue demitindo, sobrecarregando os funcionários que ficam e precarizando o atendimento. Todos sofrem, população e funcionalismo Eugênio Silva, secretário de Saúde do Sindicato e funcionário do Santander Disque Igualdade Racial O governo federal vai criar um serviço para receber denúncias sobre o crime de racismo, o Disque Igualdade Racial. As ligações poderão ser feitas para o número 138 e todas as denúncias de racismo serão encaminhadas para a notificação das autoridades responsáveis pela solução do caso. A rede inclui, entre outros, o Ministério Público, a Defensoria Pública e organizações da sociedade civil. Enquanto o Disque Igualdade Racial não entra em funcionamento, as denúncias de discriminação, inclusive homofóbica, podem ser feitas pelo Disque 100. Novo teste para recém nascido Foi sancionada dia 20/6 pela presidente Dilma Rousseff a Lei /14, que obriga a realização do exame da língua em recémnascidos. O objetivo é identificar possíveis problemas que resultem em dificuldades na fala, sucção, deglutição e mastigação do bebê. A Lei entrará em vigor em 180 dias. O diagnóstico precoce possibilita o tratamento imediato e a prevenção dos problemas de anomalias. O exame é simples, rápido e indolor. Enquanto o bebê está mamando, o profissional de saúde faz a avaliação anatômica e da força de sucção, além de análise dos batimentos cardíacos, da respiração e da saturação do oxigênio. Dentista sem dor Em Londres, pesquisadores do King s College, revelaram uma nova fórmula para o tratamento de cáries que não envolve dor, injeções ou brocas. O método utiliza apenas uma rajada de corrente elétrica que força o dente a se auto-regenerar. Esta prática deve entrar no mercado em três anos. As cáries são formadas quando os minerais naturais do esmalte de proteção começam a se degradar, sofrendo deterioração. A corrente elétrica empurra minerais em direção às cáries. Esta fórmula aumenta a capacidade natural do dente de restaurar esses minerais.

ACORDO COLETIVO DE TRABALHO 2012/2013

ACORDO COLETIVO DE TRABALHO 2012/2013 ACORDO COLETIVO DE TRABALHO 2012/2013 NÚMERO DE REGISTRO NO MTE: SP006206/2012 DATA DE REGISTRO NO MTE: 03/07/2012 NÚMERO DA SOLICITAÇÃO: MR030901/2012 NÚMERO DO PROCESSO: 46261.002831/2012-98 DATA DO

Leia mais

Cooperativismo. Cooperativa de Crédito Mútuo dos Empregados da INFRAERO

Cooperativismo. Cooperativa de Crédito Mútuo dos Empregados da INFRAERO Cooperativismo Cooperativa de Crédito Mútuo dos Empregados da INFRAERO GESTÃO: Samuel José dos Santos Diretor Presidente Marco Antonio da C.Guimarães - Diretor Operacional João Gonçalves dos Santos Diretor

Leia mais

Filiado à FETEC-SP/CONTRAF/CUT

Filiado à FETEC-SP/CONTRAF/CUT Filiado à FETEC-SP/CONTRAF/CUT Con ra os avanços conquistados na greve: Reajuste: Reajuste: 8,0% (1,82% 8,0% de (1,82% aumento de aumento real). real). Pisos: Reajuste Pisos: Reajuste de 8,5% de (ganho

Leia mais

TERMO DE ADESÃO A CONTRATO DE OPERAÇÃO DE PLANO PRIVADO DE ASSISTÊNCIA À SAÚDE. Associado: Endereço: CNPJ: Inscrição Estadual: Representante legal:

TERMO DE ADESÃO A CONTRATO DE OPERAÇÃO DE PLANO PRIVADO DE ASSISTÊNCIA À SAÚDE. Associado: Endereço: CNPJ: Inscrição Estadual: Representante legal: TERMO DE ADESÃO A CONTRATO DE OPERAÇÃO DE PLANO PRIVADO DE ASSISTÊNCIA À SAÚDE Associado: Endereço: CNPJ: Inscrição Estadual: CEP: Telefone: Representante legal: RG: CPF: 1. Por este termo, o associado

Leia mais

BANCÁRIOS. Uma História marcada por lutas e conquistas

BANCÁRIOS. Uma História marcada por lutas e conquistas BANCÁRIOS Uma História marcada por lutas e conquistas 1 932 18/04/1932 1ª Greve dos Bancários Iniciada em Santos, formada por funcionários do Banco Banespa que reivindicavam melhorias salariais e das condições

Leia mais

1- CONTRATO DE TRABALHO

1- CONTRATO DE TRABALHO 1- CONTRATO DE TRABALHO 1.1 - ANOTAÇÕES NA CARTEIRA DE TRABALHO Quando o empregado é admitido - mesmo em contrato de experiência -, a empresa tem obrigatoriamente que fazer as anotações na carteira de

Leia mais

10/2011 750364/2010 SDH/PR

10/2011 750364/2010 SDH/PR Cotação Prévia de Preço n 10/2011 Convênio nº 750364/2010 SDH/PR Projeto: Desenvolver processos de educação popular, visando a garantia dos direitos humanos e fortalecimento da cidadania, na perspectiva

Leia mais

ACORDO COLETIVO DE TRABALHO 2011/2012

ACORDO COLETIVO DE TRABALHO 2011/2012 ACORDO COLETIVO DE TRABALHO 2011/2012 NÚMERO DE REGISTRO NO MTE: RJ000096/2012 DATA DE REGISTRO NO MTE: 18/01/2012 NÚMERO DA SOLICITAÇÃO: MR064426/2011 NÚMERO DO PROCESSO: 46215.042751/2011-40 DATA DO

Leia mais

Universidade Estadual do Sudoeste da Bahia - UESB Credenciada pelo Decreto Estadual N 7.344, de 27.05.1998

Universidade Estadual do Sudoeste da Bahia - UESB Credenciada pelo Decreto Estadual N 7.344, de 27.05.1998 Universidade Estadual do Sudoeste da Bahia - UESB Credenciada pelo Decreto Estadual N 7.344, de 27.05.1998 EDITAL Nº 084/2014 PROGRAMA DE ISENÇÃO DO PAGAMENTO DA TAXA DE INSCRIÇÃO PARA O PROCESSO SELETIVO

Leia mais

REGULAMENTO DO SETOR FINANCEIRO

REGULAMENTO DO SETOR FINANCEIRO 1 REGULAMENTO DO SETOR FINANCEIRO O Professor Dr. Marcus Vinícius Crepaldi, Diretor Geral da Faculdade de Tecnologia do Ipê FAIPE no uso das atribuições que lhe confere o Regimento Interno e, considerando

Leia mais

Entre as partes de um lado: e, de outro lado:

Entre as partes de um lado: e, de outro lado: CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO Entre as partes de um lado: SINDICATO DOS TÉCNICOS DE SEGURANÇA DO TRABALHO NO ESTADO DE SÃO PAULO, CNPJ nº 60.266.996/0001-03 e, de outro lado: SINDICATO DA INDÚSTRIA DA

Leia mais

CENTRO UNIVERSITÁRIO DO NORTE- UNINORTE LAUREATE Programa Incubadora Uninorte Empreende EDITAL Nº 01/2015 PRÉ-INCUBAÇÃO

CENTRO UNIVERSITÁRIO DO NORTE- UNINORTE LAUREATE Programa Incubadora Uninorte Empreende EDITAL Nº 01/2015 PRÉ-INCUBAÇÃO CENTRO UNIVERSITÁRIO DO NORTE- UNINORTE LAUREATE Programa Incubadora Uninorte Empreende EDITAL Nº 01/2015 PRÉ-INCUBAÇÃO A Incubadora Uninorte Empreende, incubadora de empresas do Centro Universitário do

Leia mais

POLÍTICA DE ASSISTÊNCIA ESTUDANTIL DO IFBA PROGRAMA DE ASSITÊNCIA E APOIO AOS ESTUDANTES EDITAL Nº 001/2015

POLÍTICA DE ASSISTÊNCIA ESTUDANTIL DO IFBA PROGRAMA DE ASSITÊNCIA E APOIO AOS ESTUDANTES EDITAL Nº 001/2015 POLÍTICA DE ASSISTÊNCIA ESTUDANTIL DO IFBA PROGRAMA DE ASSITÊNCIA E APOIO AOS ESTUDANTES EDITAL Nº 001/2015 1. ABERTURA O Diretor Geral do IFBA Campus Jacobina, no uso de suas atribuições, faz saber que,

Leia mais

RELAÇÃO DOS BENEFÍCIOS CONCEDIDOS

RELAÇÃO DOS BENEFÍCIOS CONCEDIDOS RELAÇÃO DOS BENEFÍCIOS CONCEDIDOS 1. BOLSA FAMÍLIA 2. BOLSA EX-ALUNO 3. BOLSA FUNDAÇÃO 4. BOLSA P.B.H. 5. BOLSA SAAE 6. BOLSA SINPRO 7. BOLSA MEDALHA 8. BOLSA CONVENIO 9. DESCONTO ALUNOS MESMA EMPRESA

Leia mais

EDITAL Nº 072/2015 PROCESSO SELETIVO PARA INGRESSO NOS CURSOS DE PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU

EDITAL Nº 072/2015 PROCESSO SELETIVO PARA INGRESSO NOS CURSOS DE PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU EDITAL Nº 072/2015 PROCESSO SELETIVO PARA INGRESSO NOS CURSOS DE PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU A Diretoria de Pós-graduação e Extensão do Centro Universitário Senac, no uso de suas atribuições, torna pública

Leia mais

PROGRAMA DE CRÉDITO EDUCATIVO - INVESTCREDE REGULAMENTO

PROGRAMA DE CRÉDITO EDUCATIVO - INVESTCREDE REGULAMENTO PROGRAMA DE CRÉDITO EDUCATIVO - INVESTCREDE 1. DAS INFORMAÇÕES GERAIS REGULAMENTO 1.1 - O presente regulamento objetiva a concessão de Crédito Educativo para estudantes devidamente Matriculados nos cursos

Leia mais

CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO 2014/2016

CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO 2014/2016 CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO 2014/2016 SIND DOS EMP VEN E VIAJ DO C P P V E VEN DE P FAR DO DF, CNPJ n. 00.449.181/0001-38, neste ato representado(a) por seu Presidente, Sr(a). MARIA APARECIDA ALVES

Leia mais

Edital de Seleção para o Programa de Assistência Estudantil PAE CAP -2016. Edital 1

Edital de Seleção para o Programa de Assistência Estudantil PAE CAP -2016. Edital 1 Edital 1 Seleção de Bolsa de Estudos conforme Lei Federal n.º 12.101, de 27 de Novembro de 2009 O Colégio de Aplicação Dr. Paulo Gissoni, mantido pelo Centro Educacional de Realengo, no uso de suas competências

Leia mais

Art. 18º. Cabe ao Aluno Beneficiado:

Art. 18º. Cabe ao Aluno Beneficiado: SISTEMA DE INCLUSÃO EDUCACIONAL ESTUDE JÁ BRASIL REGULAMENTO I DO SISTEMA Art. 1. - O ESTUDE JÁ BRASIL é um sistema de INCLUSÃO EDUCACIONAL e tem por objetivos: I incentivar o cadastramento de cidadãos

Leia mais

Edital 02/2015 Saldo Remanescente

Edital 02/2015 Saldo Remanescente Edital 02/2015 Saldo Remanescente EDITAL Nº 02/2015 CMDCA EDITAL DE SELEÇÃO PÚBLICA DE PROJETOS PARA FINANCIAMENTO NO ANO DE 2015 O Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente CMDCA, no

Leia mais

TERMO ADITIVO A CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO 2013/2014

TERMO ADITIVO A CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO 2013/2014 TERMO ADITIVO A CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO 2013/2014 NÚMERO DE REGISTRO NO MTE: DF000311/2013 DATA DE REGISTRO NO MTE: 13/05/2013 NÚMERO DA SOLICITAÇÃO: MR020828/2013 NÚMERO DO PROCESSO: 46206.007783/2013-70

Leia mais

SECRETARIA DA JUSTIÇA E DA DEFESA DA CIDADANIA FUNDAÇÃO DE PROTEÇÃO E DEFESA DO CONSUMIDOR DIRETORIA DE ESTUDOS E PESQUISAS

SECRETARIA DA JUSTIÇA E DA DEFESA DA CIDADANIA FUNDAÇÃO DE PROTEÇÃO E DEFESA DO CONSUMIDOR DIRETORIA DE ESTUDOS E PESQUISAS Resultados dos estudos sobre a redução de taxas de juros praticadas por bancos públicos e privados. Orientações aos consumidores. Face aos diversos anúncios de redução de juros veiculados na mídia a partir

Leia mais

Rua Moreira e Costa, 531 Ipiranga CEP 04266 010 São Paulo SP Tel.: (11) 3013 0320 Fax: (11) 3013 0366 www.sanfra.g12.

Rua Moreira e Costa, 531 Ipiranga CEP 04266 010 São Paulo SP Tel.: (11) 3013 0320 Fax: (11) 3013 0366 www.sanfra.g12. Rua Moreira e Costa, 531 Ipiranga CEP 04266 010 São Paulo SP Tel.: (11) 3013 0320 Fax: (11) 3013 0366 www.sanfra.g12.br M I S S Ã O O Colégio São Francisco Xavier, da Rede Jesuíta de Educação, tem como

Leia mais

SOBRESP - Faculdade de Ciências da Saúde Edital 001/2015 PROCESSO SELETIVO

SOBRESP - Faculdade de Ciências da Saúde Edital 001/2015 PROCESSO SELETIVO SOBRESP - Faculdade de Ciências da Saúde Edital 001/2015 PROCESSO SELETIVO A Direção da SOBRESP - Faculdade de Ciências da Saúde torna públicas as normas a seguir, que regem o Processo Seletivo Vestibular

Leia mais

CredIES IESB: a melhor alternativa para você. CRÉDITO ESTUDANTIL DO IESB CREDIES IESB MANUAL DO ALUNO

CredIES IESB: a melhor alternativa para você. CRÉDITO ESTUDANTIL DO IESB CREDIES IESB MANUAL DO ALUNO CredIES IESB: a melhor alternativa para você. CRÉDITO ESTUDANTIL DO IESB CREDIES IESB MANUAL DO ALUNO O que é o CredIes do IESB? É um crédito rotativo estudantil financiado por verbas orçamentárias próprias

Leia mais

FINVEST - FUNDO NACIONAL PARA INVESTIMENTOS REGULAMENTO. 2. Para efeito deste regulamento consideram-se investimentos:

FINVEST - FUNDO NACIONAL PARA INVESTIMENTOS REGULAMENTO. 2. Para efeito deste regulamento consideram-se investimentos: 1 FINVEST - FUNDO NACIONAL PARA INVESTIMENTOS REGULAMENTO OBJETIVO 1. O Fundo FINVEST, objetiva o suprimento parcial de recursos a FUNDO PERDIDO, conforme definido no presente regulamento, nos casos de

Leia mais

EDITAL Nº 068/2014 PROCESSO SELETIVO PARA INGRESSO NOS CURSOS DE PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU

EDITAL Nº 068/2014 PROCESSO SELETIVO PARA INGRESSO NOS CURSOS DE PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU EDITAL Nº 068/2014 PROCESSO SELETIVO PARA INGRESSO NOS CURSOS DE PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU A Diretoria de Pós-graduação e Extensão do Centro Universitário Senac, no uso de suas atribuições, torna pública

Leia mais

8) Qual o papel da administradora?

8) Qual o papel da administradora? 1) Como funciona o consórcio? R= Consórcio é um sistema que reúne em grupo pessoas físicas e/ou jurídicas com interesse comum para compra de bens ou serviços, por meio de autofinanciamento, onde o valor

Leia mais

SINDICATO DOS TRABALHADORES NO SERVIÇO PÚBLICO MUNICIPAL DE ITU FILIADO A FESSPMESP

SINDICATO DOS TRABALHADORES NO SERVIÇO PÚBLICO MUNICIPAL DE ITU FILIADO A FESSPMESP 1 ACORDO COLETIVO DE TRABALHO 2013/2014 - ESTATUTÁRIO Pelo presente instrumento particular de Acordo Coletivo de Trabalho de um lado o Sindicato dos Trabalhadores no Serviço Público Municipal de Itu, entidade

Leia mais

Perguntas e Respostas do esocial Empregador Doméstico

Perguntas e Respostas do esocial Empregador Doméstico Perguntas e Respostas do esocial Empregador Doméstico Versão 1.0 29/09/2015 Alterações em relação à versão anterior Não se aplica Simples Doméstico esocial 1. O que é o SIMPLES Doméstico? Vivemos um momento

Leia mais

REGULAMENTO DO PROGRAMA DE FORMAÇÃO PARA CAPACITAÇÃO DE CAPITAL HUMANO EM LÍNGUA INGLESA DO PORTO DIGITAL

REGULAMENTO DO PROGRAMA DE FORMAÇÃO PARA CAPACITAÇÃO DE CAPITAL HUMANO EM LÍNGUA INGLESA DO PORTO DIGITAL REGULAMENTO DO PROGRAMA DE FORMAÇÃO PARA CAPACITAÇÃO DE CAPITAL HUMANO EM LÍNGUA INGLESA DO PORTO DIGITAL 1. APRESENTAÇÃO Este regulamento apresenta as regras e os critérios estabelecidos pelo Núcleo de

Leia mais

Art. 3º. A taxa de Inscrição será no valor de R$ 30,00 (trinta reais). Em hipótese alguma será devolvido o valor pago.

Art. 3º. A taxa de Inscrição será no valor de R$ 30,00 (trinta reais). Em hipótese alguma será devolvido o valor pago. EDITAL N 03 /2011-2 - VESTIBULAR, CONCURSO PRINCIPAL E PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO CONTINUADO DO CENTRO UNIVERSITARIO DE MINEIROS UNIFIMES MANTIDO PELA FUNDAÇÃO INTEGRADA MUNICIPAL DE ENSINO SUPERIOR

Leia mais

SEGURADORA SUL AMÉRICA COMPANHIA DE SEGURO SAÚDE

SEGURADORA SUL AMÉRICA COMPANHIA DE SEGURO SAÚDE 006246 SEGURADORA SUL AMÉRICA COMPANHIA DE SEGURO SAÚDE ESTIPULANTE Valor da USR R$0,52965 Valor da USR R$0,52965 196,65 307,84 316,22 321,54 331,25 335,77 481,79 489,25 606,67 1.179,93 154,61 242,04 248,61

Leia mais

PROCESSO SELETIVO PARA A POLÍTICA DE ASSISTÊNCIA ESTUDANTIL - AUXILIO TRANSPORTE APROVADO PELA RESOLUÇÃO N.º 022/2011 DO CONSELHO SUPERIOR/IFMA

PROCESSO SELETIVO PARA A POLÍTICA DE ASSISTÊNCIA ESTUDANTIL - AUXILIO TRANSPORTE APROVADO PELA RESOLUÇÃO N.º 022/2011 DO CONSELHO SUPERIOR/IFMA MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DO MARANHÃO DEPARTAMENTO DE DESENVOLVIMENTO DO ENSINO CAMPUS ALCÂNTARA NÚCLEO DE ASSISTÊNCIA AO EDUCANDO PROCESSO SELETIVO PARA

Leia mais

ADITIVO CONTRATUAL DE MANUTENÇÃO DE SEGURADOS DEMITIDOS OU APOSENTADOS

ADITIVO CONTRATUAL DE MANUTENÇÃO DE SEGURADOS DEMITIDOS OU APOSENTADOS ADITIVO CONTRATUAL DE MANUTENÇÃO DE SEGURADOS DEMITIDOS OU APOSENTADOS Este aditivo é parte integrante do Seguro Saúde contratado pelo Estipulante abaixo indicado, bem como de suas Condições Gerais. Número

Leia mais

A matrícula será realizada nos dias 8 e 9 de dezembro de 2015, no horário das 8 às 16 horas.

A matrícula será realizada nos dias 8 e 9 de dezembro de 2015, no horário das 8 às 16 horas. Perguntas frequentes: 1) Quais os dias de prova do Vestibular Univale 2016? Você pode escolher qual o melhor dia para fazer as provas do Vestibular Univale 2016. 28 de novembro de 2015 (sábado), das 15

Leia mais

PONTIFÍCIA UNIVERSIDADE CATÓLICA DE SÃO PAULO PUC-SP Programa de Estudos Pós-Graduados em Economia

PONTIFÍCIA UNIVERSIDADE CATÓLICA DE SÃO PAULO PUC-SP Programa de Estudos Pós-Graduados em Economia EDITAL PARA O PROCESSO SELETIVO 2º/2015 Coordenador: Prof. Dr. Antônio Corrêa de Lacerda Vice-Coordenadora: Profa. Dra. Regina Maria d Aquino Fonseca Gadelha Estarão abertas, no período de 01/04/2015 a

Leia mais

TABELA DE CUSTOS ODONTOLÓGICO 93,75 16,29

TABELA DE CUSTOS ODONTOLÓGICO 93,75 16,29 TABELA DE CUSTOS ODONTOLÓGICO ODONTOLÓGICO PME + SAÚDE PME (NOVOS CLIENTES) ODONTOLÓGICO PME - CONTRATANDO SOMENTE O PLANO ODONTOLÓGICO 14,81 23,05 43,92 93,75 16,29 25,35 48,31 103,13 Saúde PME: O Valor

Leia mais

EDITAL DO PROCESSO SELETIVO CURSOS DE PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU 2º SEMESTRE/2015

EDITAL DO PROCESSO SELETIVO CURSOS DE PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU 2º SEMESTRE/2015 EDITAL DO PROCESSO SELETIVO CURSOS DE PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU 2º SEMESTRE/2015 ABERTURA A Escola de Direito de São Paulo da Fundação Getulio Vargas (FGV DIREITO SP) torna pública a abertura das inscrições

Leia mais

SINDICATO E ORGANIZAÇÃO DAS COOPERATIVAS NO ESTADO DO TOCANTINS OCB/TO

SINDICATO E ORGANIZAÇÃO DAS COOPERATIVAS NO ESTADO DO TOCANTINS OCB/TO SINDICATO E ORGANIZAÇÃO DAS COOPERATIVAS NO ESTADO DO TOCANTINS OCB/TO A OCB/TO é formada por cooperativas singulares, federações e centrais de todos os ramos. Pela Lei 5.764/71, ainda em vigor, todas

Leia mais

5. O Plano do funcionário sofrerá reajuste?

5. O Plano do funcionário sofrerá reajuste? PERGUNTAS E RESPOSTAS REAJUSTE ANUAL E DENÚNCIA DE CONVÊNIOS E MENSALIDADES REAJUSTADAS JULHO DE 2014 REAJUSTE ANUAL 1. O que é um reajuste anual e qual é sua base legal? O reajuste anual é um mecanismo

Leia mais

PROJETO DE LEI Nº., DE 2011. A PRESIDENTA DA REPÚBLICA Faço saber que o Congresso Nacional decreta e eu sanciono a seguinte Lei:

PROJETO DE LEI Nº., DE 2011. A PRESIDENTA DA REPÚBLICA Faço saber que o Congresso Nacional decreta e eu sanciono a seguinte Lei: PROJETO DE LEI Nº., DE 2011. Dispõe sobre a organização sindical no setor público, afastamento de dirigentes sindicais, negociação coletiva, aplicação do direito de greve e sobre o custeio da organização

Leia mais

ESTATUTO DAS LIGAS ACADÊMICAS Diretoria de Extensão e Assuntos Comunitários

ESTATUTO DAS LIGAS ACADÊMICAS Diretoria de Extensão e Assuntos Comunitários ESTATUTO DA LIGA ACADÊMICA DE ESPORTES E SAÚDE - LIES Capítulo I - Da Natureza e Finalidade ART. 1º - A Liga Acadêmica de Esportes e Saúde é uma entidade sem fins lucrativos, com duração ilimitada, sob

Leia mais

ancária BInformativo do Sindicato dos Bancários do Ceará Edição nº 1345 4 a 9 de agosto de 2014

ancária BInformativo do Sindicato dos Bancários do Ceará Edição nº 1345 4 a 9 de agosto de 2014 www.bancariosce.org.br ancária BInformativo do Sindicato dos Bancários do Ceará Edição nº 1345 4 a 9 de agosto de 2014 Bancários entregam pauta de reivindicações à Fenaban dia 11/8 Matéria pág. 3 BEC:

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL RURAL DE PERNAMBUCO PRÓ-REITORIA DE GESTÃO ESTUDANTIL PROGEST PROGRAMA DE APOIO AO INGRESSANTE EDITAL 01/2015

UNIVERSIDADE FEDERAL RURAL DE PERNAMBUCO PRÓ-REITORIA DE GESTÃO ESTUDANTIL PROGEST PROGRAMA DE APOIO AO INGRESSANTE EDITAL 01/2015 UNIVERSIDADE FEDERAL RURAL DE PERNAMBUCO PRÓ-REITORIA DE GESTÃO ESTUDANTIL PROGEST PROGRAMA DE APOIO AO INGRESSANTE EDITAL 01/2015 Seleção Pública de bolsistas do Programa de Apoio ao Ingressante PAI para

Leia mais

TERMO DE ADESÃO A ANTECIPAÇÃO DE PREMIAÇÃO PARA INVESTIMENTO EM MÍDIA

TERMO DE ADESÃO A ANTECIPAÇÃO DE PREMIAÇÃO PARA INVESTIMENTO EM MÍDIA TERMO DE ADESÃO A ANTECIPAÇÃO DE PREMIAÇÃO PARA INVESTIMENTO EM MÍDIA A FAEL E O POLO (NOME FANTASIA) CELEBRAM O PRESENTE TERMO VISANDO A ANTECIPAÇÃO DE VALORES, PARA UTILIZAÇÃO EXCLUSIVA EM MÍDIA, COMO

Leia mais

REGULAMENTO. Art. 1º - O Programa de inclusão educacional BOLSAS EDUCAR tem os seguintes objetivos:

REGULAMENTO. Art. 1º - O Programa de inclusão educacional BOLSAS EDUCAR tem os seguintes objetivos: REGULAMENTO I DO PROGRAMA Art. 1º - O Programa de inclusão educacional BOLSAS EDUCAR tem os seguintes objetivos: I incentivar a aderência ao Programa de indivíduos que atendam aos requisitos exigidos neste

Leia mais

ICC 114 8. 10 março 2015 Original: inglês. Conselho Internacional do Café 114. a sessão 2 6 março 2015 Londres, Reino Unido

ICC 114 8. 10 março 2015 Original: inglês. Conselho Internacional do Café 114. a sessão 2 6 março 2015 Londres, Reino Unido ICC 114 8 10 março 2015 Original: inglês P Conselho Internacional do Café 114. a sessão 2 6 março 2015 Londres, Reino Unido Memorando de Entendimento entre a Organização Internacional do Café, a Associação

Leia mais

RDT - Retificação de Dados do Trabalhador FGTS Grau de sigilo

RDT - Retificação de Dados do Trabalhador FGTS Grau de sigilo RDT - Retificação de Dados do Trabalhador FGTS Grau de sigilo Orientações de preenchimento são obtidas no "Manual de Orientações, Retificação de Dados, Transferência de Contas Vinculadas e Devolução de

Leia mais

A Constituição Federal de 1988 estabeleceu:

A Constituição Federal de 1988 estabeleceu: A Constituição Federal de 1988 estabeleceu: Art. 8º É livre a associação profissional ou sindical, observado o seguinte: Art. 37º... VI - é garantido ao servidor público civil o direito à livre associação

Leia mais

Faculdade Maurício de Nassau

Faculdade Maurício de Nassau Faculdade Maurício de Nassau EDITAL DO PROCESSO SELETIVO 2015.1 A Direção da Faculdade Maurício de Nassau de Manaus no uso de suas atribuições e com base nas disposições regimentais, no Dec. 99.490/90,

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO UNIRIO DIREÇÃO DE ASSUNTOS COMUNITÁRIOS E ESTUDANTIS DACE REITORIA EDITAL DO AUXÍLIO-MORADIA 2014.

UNIVERSIDADE FEDERAL DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO UNIRIO DIREÇÃO DE ASSUNTOS COMUNITÁRIOS E ESTUDANTIS DACE REITORIA EDITAL DO AUXÍLIO-MORADIA 2014. UNIVERSIDADE FEDERAL DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO UNIRIO DIREÇÃO DE ASSUNTOS COMUNITÁRIOS E ESTUDANTIS DACE REITORIA EDITAL DO AUXÍLIO-MORADIA 2014.2 Chamada para seleção de estudantes de graduação, candidatos

Leia mais

COTAÇÃO PRÉVIA DE PREÇO Nº 003/2015 CONVÊNIO MTE/SENAES/CENTRAC Nº 782332/2013 TERMO DE REFERÊNCIA

COTAÇÃO PRÉVIA DE PREÇO Nº 003/2015 CONVÊNIO MTE/SENAES/CENTRAC Nº 782332/2013 TERMO DE REFERÊNCIA COTAÇÃO PRÉVIA DE PREÇO Nº 003/2015 CONVÊNIO MTE/SENAES/ Nº 782332/2013 TERMO DE REFERÊNCIA O Centro de Ação Cultural, organização civil de direito privado, sem fins lucrativos, situada à Rua Rodrigues

Leia mais

REGULAMENTO ELEITORAL 2015 COMITÊ GESTOR DO PSAP DA DUKE ENERGY PARTICIPANTES ASSISTIDOS

REGULAMENTO ELEITORAL 2015 COMITÊ GESTOR DO PSAP DA DUKE ENERGY PARTICIPANTES ASSISTIDOS 1. FINALIDADE 1.1. O presente Regulamento tem por finalidade estabelecer normas e procedimentos para a eleição do Representante Suplente dos participantes Assistidos, do Plano de Suplementação e Aposentadorias,

Leia mais

SOBRESP - Faculdade de Ciências da Saúde. Edital 001/2014. Processo Seletivo

SOBRESP - Faculdade de Ciências da Saúde. Edital 001/2014. Processo Seletivo SOBRESP - Faculdade de Ciências da Saúde Edital 001/2014 Processo Seletivo A Direção da SOBRESP - Faculdade de Ciências da Saúde torna públicas as normas a seguir, que regem o Processo Seletivo Vestibular

Leia mais

DENOMINAÇÃO NATUREZA SEDE OBJETO DURAÇÃO

DENOMINAÇÃO NATUREZA SEDE OBJETO DURAÇÃO DENOMINAÇÃO NATUREZA SEDE OBJETO DURAÇÃO A Caixa de Assistência dos Trabalhadores e Servidores Públicos do Estado do Espírito Santo é pessoa jurídica de direito privado, constituída em Assembleia Geral

Leia mais

MANUAL BOLSISTA. Núcleo de Atenção Solidária NAS

MANUAL BOLSISTA. Núcleo de Atenção Solidária NAS MANUAL DO BOLSISTA Núcleo de Atenção Solidária NAS Sumário 1 - Bolsa de Estudo... 2 2 - Tipos de Bolsas de Estudo... 2 - ProUni... 2 Eventuais Programas de Bolsas de Estudo:... 2 - Vestibular Social....

Leia mais

SALÁRIOS, REAJUSTES E PAGAMENTO PISO SALARIAL

SALÁRIOS, REAJUSTES E PAGAMENTO PISO SALARIAL http://www3.mte.gov.br/sistemas/mediador/resumo/resumovisualii.. ACORDO COLETIVO DE TRABALHO 2014/2015 NÚMERO DE REGISTRO NO MTE: RJ001782/2015 DATA DE REGISTRO NO MTE: 04/09/2015 NÚMERO DA SOLICITAÇÃO:

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL RURAL DE PERNAMBUCO PRÓ-REITORIA DE GESTÃO ESTUDANTIL PROGEST PROGRAMA DE APOIO AO INGRESSANTE EDITAL 01/2015

UNIVERSIDADE FEDERAL RURAL DE PERNAMBUCO PRÓ-REITORIA DE GESTÃO ESTUDANTIL PROGEST PROGRAMA DE APOIO AO INGRESSANTE EDITAL 01/2015 UNIVERSIDADE FEDERAL RURAL DE PERNAMBUCO PRÓ-REITORIA DE GESTÃO ESTUDANTIL PROGEST PROGRAMA DE APOIO AO INGRESSANTE EDITAL 01/2015 Seleção Pública de bolsistas do Programa de Apoio ao Ingressante PAI para

Leia mais

TERMO DE COMPROMISSO DE AJUSTE DE CONDUTA Nº 0135/2007

TERMO DE COMPROMISSO DE AJUSTE DE CONDUTA Nº 0135/2007 TERMO DE COMPROMISSO DE AJUSTE DE CONDUTA Nº 0135/2007 Pelo presente instrumento, por um lado a Agência Nacional de Saúde Suplementar, pessoa jurídica de direito público, autarquia especial vinculada ao

Leia mais

Parágrafo Segundo - É facultado ao ex-empregado a apresentação de todas as formas de demonstração de sua pretensão.

Parágrafo Segundo - É facultado ao ex-empregado a apresentação de todas as formas de demonstração de sua pretensão. , REGIDO PELAS SEGUINTES CLÁUSULAS: CLÁUSULA PRIMEIRA - Acordam os signatários em instituir, no prazo de até 30 (trinta) dias após a assinatura deste Acordo, a Comissão de Conciliação Voluntária, nos termos

Leia mais

EDITAL DE PROCESSO SELETIVO PARA ESTAGIÁRIO E CADASTRO DE RESERVA

EDITAL DE PROCESSO SELETIVO PARA ESTAGIÁRIO E CADASTRO DE RESERVA EDITAL DE PROCESSO SELETIVO PARA ESTAGIÁRIO E CADASTRO DE RESERVA O Diretor da do Futuro, no uso de suas atribuições legais e regimentais, em conformidade com a Lei nº 11.788, de 25 de setembro de 2008,

Leia mais

ESTATUTO SOCIAL DO CLUBE DE INVESTIMENTOS IMPACTO

ESTATUTO SOCIAL DO CLUBE DE INVESTIMENTOS IMPACTO ESTATUTO SOCIAL DO CLUBE DE INVESTIMENTOS IMPACTO I Denominação e Objetivo Artigo 1º - O Clube de Investimento IMPACTO constituído por número limitado de membros que tem por objetivo a aplicação de recursos

Leia mais

ESTATUTO DAS LIGAS ACADÊMICAS Diretoria de Extensão e Assuntos Comunitários

ESTATUTO DAS LIGAS ACADÊMICAS Diretoria de Extensão e Assuntos Comunitários ESTATUTO DA LIGA GERIATRIA E GERONTOLOGIA - LIG Capítulo I - Da Natureza e Finalidade ART. 1º - A LIGA DE GERIATRIA E GERONTOLOGIA é uma entidade sem fins lucrativos, com duração ilimitada, sob a supervisão

Leia mais

FIES Fundo de Financiamento ao Estudante ORIENTAÇÕES E PASSO A PASSO Para solicitar o financiamento, o estudante deverá se inscrever pelo sistema informatizado do FIES no endereço eletrônico: http://sisfiesportal.mec.gov.br

Leia mais

EDITAL DE SELEÇÃO PÚBLICA DE PROJETOS PARA FINANCIAMENTO NO ANO DE 2014

EDITAL DE SELEÇÃO PÚBLICA DE PROJETOS PARA FINANCIAMENTO NO ANO DE 2014 Edital n.º 001/2013 - CMDCA EDITAL DE SELEÇÃO PÚBLICA DE PROJETOS PARA FINANCIAMENTO NO ANO DE 2014 O Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente - CMDCA, no uso de suas atribuições e de

Leia mais

Diretriz 5: A função das entidades de grau superior é de coordenar os interesses das suas filiadas.

Diretriz 5: A função das entidades de grau superior é de coordenar os interesses das suas filiadas. DIRETRIZES NORMATIVAS ELABORADAS PELO GRUPO DE TRABALHO DO MINISTÉRIO DO TRABALHO E EMPREGO SOBRE ORGANIZAÇÃO SINDICAL, NEGOCIAÇÃO COLETIVA, APLICAÇÃO DO DIREITO DE GREVE, CUSTEIO E LIBERAÇÃO DE DIRIGENTE

Leia mais

EDITAL DO PROCESSO SELETIVO CURSOS DE CURTA DURAÇÃO 2º SEMESTRE/2015

EDITAL DO PROCESSO SELETIVO CURSOS DE CURTA DURAÇÃO 2º SEMESTRE/2015 EDITAL DO PROCESSO SELETIVO CURSOS DE CURTA DURAÇÃO 2º SEMESTRE/2015 ABERTURA A Escola de Direito de São Paulo da Fundação Getulio Vargas (FGV DIREITO SP) torna pública a abertura das inscrições para os

Leia mais

EDITAL DE LEILÃO Nº 003/2015

EDITAL DE LEILÃO Nº 003/2015 EDITAL DE LEILÃO Nº 003/2015 LEILÃO PÚBLICO DE VENDA DE ENERGIA ELÉTRICA BTG PACTUAL COMERCIALIZADORA DE ENERGIA LTDA., pessoa jurídica de direito privado, com sede na Avenida Brigadeiro Faria Lima, n.º

Leia mais

Edital nº 001/15 Processo Seletivo 2015/1

Edital nº 001/15 Processo Seletivo 2015/1 Vestibular Edital nº 001/15 Processo Seletivo 2015/1 Comissão do Processo Seletivo - CoProS A Diretora Geral da Faculdade Integrada de Goiás FIG, com base em dispositivos constantes em seu Regimento, de

Leia mais

Reajuste Salarial. Cláusulas do PGCR

Reajuste Salarial. Cláusulas do PGCR PROPOSTA FINAL DO ONS PARA CELEBRAÇÃO DO ACT 2013/2014 FNE/FENTEC - CLÁUSULA 2ª INTERSINDICAL - CLÁUSULA 1ª Reajuste Salarial Reajustar os salários dos empregados com o acumulado do IPCA do período de

Leia mais

O QUE É PPP? O QUE É CONCESSÃO PLENA?

O QUE É PPP? O QUE É CONCESSÃO PLENA? APRESENTAÇÃO A iniciativa para realização de parcerias com o setor privado já é praticada em diversos países. O conceito de Parcerias Público-Privadas foi introduzido no Reino Unido em 1992, apresentando-se

Leia mais

CONTABILIDADE APLICADA AO DIREITO 1º SEMESTRE DE 2014

CONTABILIDADE APLICADA AO DIREITO 1º SEMESTRE DE 2014 CONTABILIDADE APLICADA AO DIREITO 1º SEMESTRE DE 2014 Programa de Pós-Graduação Lato Sensu da DIREITO GV (GVlaw) FUNDAÇÃO GETULIO VARGAS A Fundação Getulio Vargas (FGV) deu início a suas atividades em

Leia mais

REGULAMENTO EXAME DE BOLSAS /2º SEMESTRE DE 2015

REGULAMENTO EXAME DE BOLSAS /2º SEMESTRE DE 2015 REGULAMENTO EXAME DE BOLSAS /2º SEMESTRE DE 2015 A, em seu contínuo trabalho de responsabilidade social e, preocupada com a comunidade na qual está inserida, criou o Processo Seletivo Principal/EXAME DE

Leia mais

EDITAL CPG/IE-Nº 03/2014 PROCESSO SELETIVO PARA OS CURSOS DE ESPECIALIZAÇÃO EM ECONOMIA DO TRABALHO E SINDICALISMO DO INSTITUTO DE ECONOMIA 2015

EDITAL CPG/IE-Nº 03/2014 PROCESSO SELETIVO PARA OS CURSOS DE ESPECIALIZAÇÃO EM ECONOMIA DO TRABALHO E SINDICALISMO DO INSTITUTO DE ECONOMIA 2015 EDITAL CPG/IE-Nº 03/2014 PROCESSO SELETIVO PARA OS CURSOS DE ESPECIALIZAÇÃO EM ECONOMIA DO TRABALHO E SINDICALISMO DO INSTITUTO DE ECONOMIA 2015 1. INTRODUÇÃO 1.1. O Coordenador da Comissão de Pós-Graduação

Leia mais

PROGRAMAS DA POLÍTICA DE ASSISTÊNCIA ESTUDANTIL EDITAL Nº

PROGRAMAS DA POLÍTICA DE ASSISTÊNCIA ESTUDANTIL EDITAL Nº MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO SECRETARIA DE EDUCAÇÃO PROFISSIONAL E TECNOLÓGICA INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DA PARAÍBA CÂMPUS MONTEIRO PROGRAMAS DA POLÍTICA DE ASSISTÊNCIA ESTUDANTIL EDITAL

Leia mais

EDITAL CPG/IE-Nº 04/2015. PROCESSO SELETIVO Curso de Especialização em Economia do Trabalho e Sindicalismo 2016

EDITAL CPG/IE-Nº 04/2015. PROCESSO SELETIVO Curso de Especialização em Economia do Trabalho e Sindicalismo 2016 EDITAL CPG/IE-Nº 04/2015 PROCESSO SELETIVO Curso de Especialização em Economia do Trabalho e Sindicalismo 2016 1. INTRODUÇÃO 1.1. O Coordenador da Comissão de Pós-Graduação do Instituto de Economia da

Leia mais

REGULAMENTO DO AUTO-ATENDIMENTO SETOR PÚBLICO

REGULAMENTO DO AUTO-ATENDIMENTO SETOR PÚBLICO REGULAMENTO DO AUTO-ATENDIMENTO SETOR PÚBLICO O presente instrumento estabelece as normas regulamentares do AUTO-ATENDIMENTO SETOR PÚBLICO, destinado ao atendimento de Pessoas Jurídicas de direito público,

Leia mais

EDITAL DO PROCESSO SELETIVO CURSOS DE CURTA DURAÇÃO 2º SEMESTRE/2015

EDITAL DO PROCESSO SELETIVO CURSOS DE CURTA DURAÇÃO 2º SEMESTRE/2015 EDITAL DO PROCESSO SELETIVO CURSOS DE CURTA DURAÇÃO 2º SEMESTRE/2015 ABERTURA A Escola de Direito de São Paulo da Fundação Getulio Vargas (FGV DIREITO SP) torna pública a abertura das inscrições para os

Leia mais

Prêmio IESS de Produção Científica em Saúde Suplementar

Prêmio IESS de Produção Científica em Saúde Suplementar Prêmio IESS de Produção Científica em Saúde Suplementar Regulamento 2013 1 - Do Objetivo 1.1 O tem por objetivo o incentivo à pesquisa na área de saúde suplementar, reconhecendo os trabalhos de qualidade

Leia mais

1. DO OBJETO 2. DAS INSCRIÇÕES

1. DO OBJETO 2. DAS INSCRIÇÕES EDITAL N 01 /2012-1 - VESTIBULAR, CONCURSO PRINCIPAL E PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO CONTINUADO DO CENTRO UNIVERSITARIO DE MINEIROS UNIFIMES MANTIDO PELA FUNDAÇÃO INTEGRADA MUNICIPAL DE ENSINO SUPERIOR

Leia mais

Em Foco CCENTRAL ÚNICA DOS TRABALHADORES. Jornal do Sindicato dos Bancários de Campina Grande e Região, Setembro de 2012 - ano XII - nº 05

Em Foco CCENTRAL ÚNICA DOS TRABALHADORES. Jornal do Sindicato dos Bancários de Campina Grande e Região, Setembro de 2012 - ano XII - nº 05 R Em Foco UT BRASIL CCENTRAL ÚNICA DOS TRABALHADORES CUT Jornal do Sindicato dos Bancários de Campina Grande e Região, Setembro de 2012 - ano XII - nº 05 Em Foco 02 setembro/2012 Greve surte efeito Chega

Leia mais

REGULAMENTAÇÃO DOS ARTIGOS 30 E 31 DA LEI Nº 9.656, DE 1998

REGULAMENTAÇÃO DOS ARTIGOS 30 E 31 DA LEI Nº 9.656, DE 1998 REGULAMENTAÇÃO DOS ARTIGOS 30 E 31 DA LEI Nº 9.656, DE 1998 Dezembro, 2011 Mauricio Ceschin Diretor-Presidente Art. 30 da Lei nº 9.656/98 Art. 30. Ao consumidor que contribuir para produtos de que tratam

Leia mais

GOVERNO DO ESTADO DE RORAIMA Secretaria de Estado de Gestão Estratégica e Administração Amazônia: Patrimônio dos Brasileiros

GOVERNO DO ESTADO DE RORAIMA Secretaria de Estado de Gestão Estratégica e Administração Amazônia: Patrimônio dos Brasileiros TERMO DE COMPROMISSO Nº 007/2015 que entre si celebram o ESTADO DE RORAIMA, por meio da ESCOLA DE GOVERNO DE RORAIMA, ea FACULDADE RORAIMENSE DE ENSINO SUPERIOR FARES. O ESTADO DE RORAIMA, pessoa jurídica

Leia mais

REGULAMENTO PARA CONCESSÃO DE EMPRÉSTIMO SIMPLES

REGULAMENTO PARA CONCESSÃO DE EMPRÉSTIMO SIMPLES SUMÁRIO 1. DEFINIÇÕES... 2 2. FINALIDADE... 3 3. DESTINATÁRIOS... 3 4. DOCUMENTAÇÃO... 4 5. VALOR MÁXIMO E MÍNIMO... 5 6. PRAZOS... 5 7. ENCARGOS E ATUALIZAÇÃO MONETÁRIA... 6 8. GARANTIAS... 7 9. CONDIÇÕES

Leia mais

EDITAL DO CURSO DE PÓS-GRADUAÇÃO JORNALISMO ESPORTIVO E NEGÓCIOS DO ESPORTE 1º Semestre de 2016

EDITAL DO CURSO DE PÓS-GRADUAÇÃO JORNALISMO ESPORTIVO E NEGÓCIOS DO ESPORTE 1º Semestre de 2016 EDITAL DO CURSO DE PÓS-GRADUAÇÃO JORNALISMO ESPORTIVO E NEGÓCIOS DO ESPORTE 1º Semestre de 2016 As FACULDADES INTEGRADAS RIO BRANCO, na forma regimental torna público o presente Edital, estabelecendo as

Leia mais

REGULAMENTO PARA CONCESSÃO DE BOLSA DE ESTUDO - UNISUL

REGULAMENTO PARA CONCESSÃO DE BOLSA DE ESTUDO - UNISUL REGULAMENTO PARA CONCESSÃO DE BOLSA DE ESTUDO - UNISUL A Diretoria do Sindicato dos Professores e Auxiliares e Administração Escolar de Tubarão e Capivari de Baixo, no uso das atribuições que lhe são conferidas

Leia mais

REGULAMENTO DE BOLSAS E BENEFÍCIOS PARA O ANO DE 2015

REGULAMENTO DE BOLSAS E BENEFÍCIOS PARA O ANO DE 2015 REGULAMENTO DE BOLSAS E BENEFÍCIOS PARA O ANO DE 2015 Bacabal 2015 REGULAMENTO DE BOLSAS E BENEFÍCIOS DO OBJETIVO Art. 1º Este Regulamento estabelece as regras gerais do Programa de Bolsas e Benefícios

Leia mais

PRÓ-REITORIA DE PESQUISA E PÓS-GRADUAÇÃO EDITAL No 01/2011 PROCESSO DE SELEÇÃO PARA PÓS-GRADUAÇÕES LATO SENSU

PRÓ-REITORIA DE PESQUISA E PÓS-GRADUAÇÃO EDITAL No 01/2011 PROCESSO DE SELEÇÃO PARA PÓS-GRADUAÇÕES LATO SENSU UNIVERSIDADE ESTADUAL DE ALAGOAS - UNEAL Transformada em Universidade pela Lei n 6.785, de 28 de dezembro de 2006 Rua Governador Luiz Cavalcante, S/N - Alto Cruzeiro - Arapiraca - Alagoas - CEP.: 57312-000

Leia mais

REGULAMENTO PARA CONCESSÃO DE BOLSAS DE ESTUDO DE 25% PARA ALUNOS DO 1º ANO/2010

REGULAMENTO PARA CONCESSÃO DE BOLSAS DE ESTUDO DE 25% PARA ALUNOS DO 1º ANO/2010 REGULAMENTO PARA CONCESSÃO DE BOLSAS DE ESTUDO DE 25% PARA ALUNOS DO 1º ANO/2010 REGULAMENTO PARA CONCESSÃO DE BOLSAS DE ESTUDO PARA ALUNOS DO 1º ANO/2010 E D I T A L O presente Edital regulamenta a concessão

Leia mais

EDITAL DE PRODUÇÃO DE VÍDEO DA JUSTIÇA RESTAURATIVA

EDITAL DE PRODUÇÃO DE VÍDEO DA JUSTIÇA RESTAURATIVA Instituto Cultural São Francisco de Assis Centro de Promoção da Criança e do Adolescente São Francisco de Assis Estrada João de Oliveira Remião, 4444 Lomba do Pinheiro - Porto Alegre RS www.franciscanos-rs.org.br

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DO CARIRI PRÓ-REITORIA DE ENSINO PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM DESENVOLVIMENTO REGIONAL SUSTENTÁVEL (PRODER)

UNIVERSIDADE FEDERAL DO CARIRI PRÓ-REITORIA DE ENSINO PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM DESENVOLVIMENTO REGIONAL SUSTENTÁVEL (PRODER) 1 UNIVERSIDADE FEDERAL DO CARIRI PRÓ-REITORIA DE ENSINO PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM DESENVOLVIMENTO REGIONAL SUSTENTÁVEL (PRODER) ADITIVO III AO EDITAL Nº 01/2013 SELEÇÃO DE CANDIDATOS ÀS VAGAS DO PROGRAMA

Leia mais

SISTEMA DE GESTÃO DA QUALIDADE PO Procedimento Operacional

SISTEMA DE GESTÃO DA QUALIDADE PO Procedimento Operacional CONCESSÃO DE BENEFÍCIOS AOS COLABORADORES PO. 12 00 1 / 7 1. OBJETIVOS O Crea-GO, visando atrair e melhorar o índice de retenção de colaboradores, institui a concessão de benefícios, mediante a adoção

Leia mais

EDITAL Nº 01, de 21 de março de 2013

EDITAL Nº 01, de 21 de março de 2013 UNIVERSIDADE FEDERAL DE CAMPINA GRANDE CENTRO DE CIÊNCIAS JURÍDICAS E SOCIAIS COORDENAÇÃO DE EDUCAÇÃO A DISTÂNCIA CEAD COORDENAÇÃO DE PÓS-GRADUAÇÃO DA UNIDADE ACADÊMICA EM DIREITO CCJS/UFCG/SOUSA-PB PROGRAMA

Leia mais

RENOVAÇÃO DE MATRÍCULA - 1º SEMESTRE DE 2015

RENOVAÇÃO DE MATRÍCULA - 1º SEMESTRE DE 2015 RENOVAÇÃO DE MATRÍCULA - 1º SEMESTRE DE 2015 ORIENTAÇÕES GERAIS Processo O processo de renovação de matrícula constitui-se de três etapas válidas para todos os alunos veteranos dos cursos de graduação:

Leia mais

ESTATUTO SOCIAL DO CLUBE DE INVESTIMENTO PLATINUM

ESTATUTO SOCIAL DO CLUBE DE INVESTIMENTO PLATINUM ESTATUTO SOCIAL DO CLUBE DE INVESTIMENTO PLATINUM I Denominação e Objetivo Artigo 1º O Clube de Investimento PLATINUM é constituído por número limitado de membros que têm por objetivo a aplicação de recursos

Leia mais

EDITAL DO CURSO DE PÓS-GRADUAÇÃO DIREITO PENAL 1º Semestre de 2016

EDITAL DO CURSO DE PÓS-GRADUAÇÃO DIREITO PENAL 1º Semestre de 2016 EDITAL DO CURSO DE PÓS-GRADUAÇÃO DIREITO PENAL 1º Semestre de 2016 As FACULDADES INTEGRADAS RIO BRANCO, na forma regimental torna público o presente Edital, estabelecendo as normas para inscrição e matrícula

Leia mais

CHAMADA PÚBLICA 01/2012 CHAMADA PÚBLICA PARA CURSO DE FORMAÇÃO INICIAL E CONTINUADA FIC IFG/CÂMPUS JATAÍ

CHAMADA PÚBLICA 01/2012 CHAMADA PÚBLICA PARA CURSO DE FORMAÇÃO INICIAL E CONTINUADA FIC IFG/CÂMPUS JATAÍ MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO SECRETARIA DA EDUCAÇÃO PROFISSIONAL E TECNOLÓGICA INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DE GOIÁS PRÓ-REITORIA DE EXTENSÃO CÂMPUS JATAÍ CHAMADA PÚBLICA 01/2012 CHAMADA

Leia mais

PROGRAMAS DA POLÍTICA DE ASSISTÊNCIA ESTUDANTIL EDITAL Nº 03/2015

PROGRAMAS DA POLÍTICA DE ASSISTÊNCIA ESTUDANTIL EDITAL Nº 03/2015 PROGRAMAS DA POLÍTICA DE ASSISTÊNCIA ESTUDANTIL EDITAL Nº 03/2015 O Coordenador de Ensino do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia da Paraíba, Campus Avançado Cabedelo Centro, no uso de suas

Leia mais

REGULAMENTO PARA PARTICIPAÇÃO NA SEGUNDA FASE DO CURSO DE FORMAÇÃO PARA CERTIFICAÇÃO DE CAPITAL HUMANO EM LÍNGUA INGLESA

REGULAMENTO PARA PARTICIPAÇÃO NA SEGUNDA FASE DO CURSO DE FORMAÇÃO PARA CERTIFICAÇÃO DE CAPITAL HUMANO EM LÍNGUA INGLESA REGULAMENTO PARA PARTICIPAÇÃO NA SEGUNDA FASE DO CURSO DE FORMAÇÃO PARA CERTIFICAÇÃO DE CAPITAL HUMANO EM LÍNGUA INGLESA 1. APRESENTAÇÃO Este regulamento apresenta as regras e os critérios estabelecidos

Leia mais