MINISTÉRIO DAS COMUNICAÇÕES. ROAD SHOW LEILÃO 700MHz

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "MINISTÉRIO DAS COMUNICAÇÕES. ROAD SHOW LEILÃO 700MHz"

Transcrição

1 MINISTÉRIO DAS COMUNICAÇÕES ROAD SHOW LEILÃO 700MHz

2 INDICADORES DE AMBIENTE 2

3 POPULAÇÃO BRASILEIRA divisão demográfica Região Norte 16,9 milhões de habitantes Região Nordeste 55,8 milhões de habitantes Região Centro-Oeste 14,9 milhões de habitantes O PAÍS CONCENTRA APROXIMADAMENTE 100 MILHÕES DE HABITANTES NAS 200 MAIORES CIDADES Região Sul 28.8 milhões de habitantes Região Sudeste 84,5 milhões de habitantes Estado de São Paulo 43,6 milhões de habitantes Fonte: IBGE 3

4 POPULAÇÃO BRASILEIRA redução da pobreza e desigualdade total: 175 milhões total: 188 milhões total: 192 milhões total: 196 milhões classe A classe B classe C classe D 6,3 9,6 10,5 12,6 7,0 10,4 11,2 14,5 65,9 94,9 100,3 115,2 96,2 73,3 69,6 53, Fonte: Ministério da Fazenda 4

5 PIB PER CAPITA REAL E COEFICIENTE DE GINI GINI R$ PIB 0,57 0,56 0,55 0,54 0,53 0,52 0,51 0,50 0, Fonte: Ministério da Fazenda 5

6 TRAJETÓRIA DA DÍVIDA PÚBLICA dívida líquida do setor público e dívida bruta do governo geral em % do PIB dívida bruta 56,4 58,0 57,4 60,9 53,4 54,2 58,8 56,8 56,8 55,2 53,4 51,5 dívida líquida crise crise recuperação global 54,8 50,6 48,4 47,3 45,5 38,5 42,1 39,2 36,4 35,3 33,6 33,6 33,0 32,1 31, * 2015* 2016* 2017* *Projeções Fonte: Banco Central do Brasil 6

7 PROGRAMA DE CONCESSÕES EM INFRAESTRUTURA PROGRAMA DE RODOVIAS PROGRAMA DE AEROPORTOS R$ bilhões 34,7 PROGRAMA DE PORTOS 43 PETRÓLEO E GÁS 54,7 188,1 MOBILIDADE URBANA 81,4 R$ 679 (US$ 305)* PROGRAMA DE FERROVIAS ,1 ENERGIA *Taxa de câmbio: R$ 2,22 Fontes: EPL, EPE e MME 7

8 INDICADORES DO SETOR 8

9 PANORAMA GERAL acessos: dez/2010 a mai/ MILHÕES DE ACESSOS 76% SÃO MÓVEIS 22,9 BANDA LARGA FIXA 18,5 TV POR ASSINATURA 44,8 TELEFONIA FIXA INTERNET MÓVEL (3G+4G) +554% INTERNET FIXA +52% CIDADES COM COBERTURA 3G DE 824 PARA % em milhões 275,4 TELEFONIA MÓVEL Fonte: Anatel 9

10 AUDIÊNCIA DE INTERNET NO MUNDO 26% EUROPA 14% AMÉRICA DO NORTE 41% ÁSIA + OCEANIA 9% ORIENTE MÉDIO 10% AMÉRICA LATINA 40% da audiência da América Latina está no Brasil Fonte: comscore 10

11 RECEITA BRUTA DO SETOR em R$ bilhões bi US$ 102,2 bi* TIM BR representa 28% da receita líquida do grupo Telecom Italia VIVO é responsável por 20% da receita líquida do 95 bi SME (trunking) TV por assinatura grupo Telefonica celular O lucro líquido da OI foi maior banda larga fixa que o do grupo controlador (PT Telecom) telefonia fixa *Taxa de câmbio: R$ 2, Fonte: Anatel 11

12 300 NÚMERO DE ACESSOS MÓVEIS em milhões COMUNICAÇÃO MÓVEL NÚMERO DE ACESSOS COM 4G em milhares MILHÕES DE USUÁRIOS POTENCIAIS DA FAIXA DE 700MHz / /03 Sem banda larga Com banda larga DISTRIBUIÇÃO DA VELOCIDADE DOS ACESSOS DE BANDA LARGA FIXA 41% 11% 48% Até 2 Mbps Entre 2Mbps e 12 Mbps Superior a 12 Mbps A tecnologia 4G será a ferramenta que levará banda larga de alta velocidade para os mercados de internet fixa e móvel. Fonte: Anatel, Telebrasil e Teleco 12

13 INFRAESTRUTURA PRONTA DISPONÍVEL Telebras, empresa estatal criada para levar capacidade de transporte para qualquer competidor em todo o país Atual 317 cidades atendidas até o final de % da população Planejado MERCADO DE COMPARTILHAMENTO DE INFRAESTRUTURA Provedores de infraestrutura de comunicação possuem ~40% das ERBs de serviço móvel (4.000 em fev/14) Mais investimentos dos provedores de infraestrutura são esperados nos próximos dois anos (US$ 440 milhões) A média de preços de dados no atacado diminuiu 70% desde que a companhia iniciou suas atividades, em EMPRESAS operam nesse mercado 13

14 PROGRAMAS DO GOVERNO infraestrutura e aumento dos acessos a terminais de alta tecnologia PNBL PROGRAMA NACIONAL DE BANDA LARGA Banda larga popular Desoneração de terminais REPNBL Debêntures para infraestrutura M2M PGMC e EILD Leilão 700 MHz 14

15 PERSPECTIVAS DO LEILÃO DE 700MHZ O uso de tecnologias de conexão móvel está sendo alavancado pelo desejo do brasileiro de estar sempre conectado, em qualquer lugar A faixa de 700 MHz é uma ferramenta excepcional para levar banda larga de alta velocidade e aumentar a cobertura móvel A tecnologia 4G tem um papel fundamental no processo de inclusão digital A frequência de 700 MHz é uma faixa nobre, o que torna esse leilão especial para novas empresas Esse leilão é uma oportunidade de operar em um mercado importante, sem obrigações de cobertura 15

16 OBRIGADO! 16

Ministério das Comunicações

Ministério das Comunicações Ministério das Comunicações Incentivos à implantação de infraestrutura de banda larga INVESTIMENTOS NO SETOR DE TELECOMUNICAÇÕES R$ bilhões correntes 25 20 15 10 5 4.6% 3.3 3.3% 4.3 5.2% 4.7% 7.4 7.6 7.4%

Leia mais

As Telecomunicações no Brasil

As Telecomunicações no Brasil As Telecomunicações no Brasil Comissão de Serviços de Infraestrutura do Senado 02/10/2013 2 Pauta O setor de Telecomunicações. A expansão dos serviços de comunicações no Brasil. Ações do. 3 Pauta O setor

Leia mais

Cidadãos Inteligentes

Cidadãos Inteligentes Cidadãos Inteligentes Senador Walter Pinheiro Março/2015 Agenda O panorama brasileiro Oportunidades Smart People 2002 2003 2004 2005 2006 2007 2008 2009 2010 2011 2012 2013 2014 Panorama 8.00 6.00 4.00

Leia mais

SERVIÇOS DE TELECOMUNICAÇÕES AUDIÊNCIA PÚBLICA CÂMARA DOS DEPUTADOS EDUARDO LEVY BRASÍLIA, 09 DE ABRIL DE 2013

SERVIÇOS DE TELECOMUNICAÇÕES AUDIÊNCIA PÚBLICA CÂMARA DOS DEPUTADOS EDUARDO LEVY BRASÍLIA, 09 DE ABRIL DE 2013 SERVIÇOS DE TELECOMUNICAÇÕES AUDIÊNCIA PÚBLICA CÂMARA DOS DEPUTADOS EDUARDO LEVY BRASÍLIA, 09 DE ABRIL DE 2013 crescimento do setor de telecomunicações está acelerado 8% 10% telefonia móvel banda larga

Leia mais

SETOR DE TELECOMUNICAÇÕES

SETOR DE TELECOMUNICAÇÕES SETOR DE TELECOMUNICAÇÕES NO BRASIL COMISSÃO DE CIÊNCIA, TECNOLOGIA, INOVAÇÃO, COMUNICAÇÃO E INFORMÁTICA DO SENADO FEDERAL EDUARDO LEVY SALVADOR, 29 DE AGOSTO DE 2014 crescimento do setor de telecomunicações

Leia mais

Cidadãos Inteligentes

Cidadãos Inteligentes Cidadãos Inteligentes Secretário de Educação da Bahia - Walter Pinheiro Junho/2017 Agenda O panorama brasileiro Oportunidades Smart People Regulação Lei Geral de Telecomunicações (1997) Universalização

Leia mais

PROJETO DE LEI 465/11

PROJETO DE LEI 465/11 PROJETO DE LEI 465/11 CÂMARA DOS DEPUTADOS COMISSÃO DE CIÊNCIA E TECNOLOGIA, COMUNICAÇÃO E INFORMÁTICA EDUARDO LEVY BRASÍLIA, 29 DE MAIO DE 2012 Fonte: Telebrasil mais de 328 milhões de clientes mais de

Leia mais

MARCO REGULATÓRIO DA TELEFONIA EDUARDO LEVY AUDIÊNCIA PÚBLICA - CÂMARA DOS DEPUTADOS

MARCO REGULATÓRIO DA TELEFONIA EDUARDO LEVY AUDIÊNCIA PÚBLICA - CÂMARA DOS DEPUTADOS MARCO REGULATÓRIO DA TELEFONIA AUDIÊNCIA PÚBLICA - CÂMARA DOS DEPUTADOS COMISSÃO DE DESENVOLVIMENTO URBANO COMISSÃO DE TRABALHO, DE ADMINISTRAÇÃO E SERVIÇO PÚBLICO Brasília, 10 de dezembro de 2013 EDUARDO

Leia mais

SERVIÇOS DE INTERNET BRASIL EM 2016 E TELEFONIA NO AUDIÊNCIA PÚBLICA NA COMISSÃO DE LEGISLAÇÃO PARTICIPATIVA DA CÂMARA DOS DEPUTADOS

SERVIÇOS DE INTERNET BRASIL EM 2016 E TELEFONIA NO AUDIÊNCIA PÚBLICA NA COMISSÃO DE LEGISLAÇÃO PARTICIPATIVA DA CÂMARA DOS DEPUTADOS SERVIÇOS DE INTERNET E TELEFONIA NO BRASIL EM 2016 AUDIÊNCIA PÚBLICA NA COMISSÃO DE LEGISLAÇÃO PARTICIPATIVA DA CÂMARA DOS DEPUTADOS BRASÍLIA, 17 DE OUTUBRO DE 2017 ALEXANDER CASTRO Os serviços de telecomunicações

Leia mais

SERVIÇOS DE TELECOMUNICAÇÕES

SERVIÇOS DE TELECOMUNICAÇÕES SERVIÇOS DE TELECOMUNICAÇÕES AUDIÊNCIA PÚBLICA CÂMARA DOS DEPUTADOS COMISSÃO DE DEFESA DO CONSUMIDOR ALEXANDER CASTRO BRASÍLIA, 13 DE NOVEMBRO DE 2013 crescimento do setor de telecomunicações está acelerado

Leia mais

APRESENTAÇÃO 47º TELESÍNTESE: BANDA LARGA COMO AGENDA NACIONAL. 14 de Março de 2017

APRESENTAÇÃO 47º TELESÍNTESE: BANDA LARGA COMO AGENDA NACIONAL. 14 de Março de 2017 APRESENTAÇÃO 47º TELESÍNTESE: BANDA LARGA COMO AGENDA NACIONAL 14 de Março de 2017 MENSAGENS CHAVE 1. É necessário valorizar quem constrói Rede de Banda Larga no país sem rede não há Internet 2. Além disso

Leia mais

Ministério das Comunicações. Definições de espectro para o futuro dos serviços digitais

Ministério das Comunicações. Definições de espectro para o futuro dos serviços digitais 56 o Painel Telebrasil O papel das telecomunicações no desenvolvimento do País Definições de espectro para o futuro dos serviços digitais Miriam Wimmer Ministério das Comunicações Brasília, 29 de agosto

Leia mais

Redes e Serviços Convergentes para o Brasil Digital

Redes e Serviços Convergentes para o Brasil Digital Redes e Serviços Convergentes para o Brasil Digital Telebrasil 2007 - Costa do Sauípe - Bahia Antônio Carlos Valente 01 de Junho de 2007 Indicadores das maiores operadoras européias Telefonia Fixa Banda

Leia mais

Câmara dos Deputados. Comissão Especial de Telecomunicações PL 6.789/2013 DF, 25/08/2015

Câmara dos Deputados. Comissão Especial de Telecomunicações PL 6.789/2013 DF, 25/08/2015 Câmara dos Deputados Comissão Especial de Telecomunicações PL 6.789/2013 DF, 25/08/2015 UMA GRANDE EMPRESA BRASILEIRA Pioneira na prestação de serviços convergentes no país, oferece transmissão de voz

Leia mais

IMPLANTAÇÃO DA TECNOLOGIA 4G NO BRASIL XIV SEMINÁRIO NACIONAL DE TELECOMUNICAÇÕES

IMPLANTAÇÃO DA TECNOLOGIA 4G NO BRASIL XIV SEMINÁRIO NACIONAL DE TELECOMUNICAÇÕES IMPLANTAÇÃO DA TECNOLOGIA 4G NO BRASIL XIV SEMINÁRIO NACIONAL DE TELECOMUNICAÇÕES SÉRGIO KERN CURITIBA, 15 A 17 DE OUTUBRO DE 2013 crescimento do setor de telecomunicações está acelerado 8% 10% telefonia

Leia mais

Eduardo Levy. Rio de Janeiro, 02 de julho de 2013

Eduardo Levy. Rio de Janeiro, 02 de julho de 2013 Banda Larga na América Latina ferramenta para efetivar os direitos dos cidadãos na era digital e alavancar a economia - soluções completas com TICs em banda larga para o Estado digital Rio de Janeiro,

Leia mais

700 MHZ SENADO FEDERAL CONSELHO NACIONAL DE COMUNICAÇÃO SOCIAL SÉRGIO KERN AS CONSEQUÊNCIAS DA DESTINAÇÃO DA FAIXA BRASÍLIA, 02 DE DEZEMBRO DE 2013

700 MHZ SENADO FEDERAL CONSELHO NACIONAL DE COMUNICAÇÃO SOCIAL SÉRGIO KERN AS CONSEQUÊNCIAS DA DESTINAÇÃO DA FAIXA BRASÍLIA, 02 DE DEZEMBRO DE 2013 AS CONSEQUÊNCIAS DA DESTINAÇÃO DA FAIXA 700 MHZ PARA OS SERVIÇOS DE BANDA LARGA MÓVEL 4G SENADO FEDERAL CONSELHO NACIONAL DE COMUNICAÇÃO SOCIAL SÉRGIO KERN BRASÍLIA, 02 DE DEZEMBRO DE 2013 crescimento

Leia mais

Desafios de Infraestrutura: Setor de Telecomunicações no Brasil

Desafios de Infraestrutura: Setor de Telecomunicações no Brasil Desafios de Infraestrutura: Setor de Telecomunicações no Brasil Audiência Pública Comissão de Infraestrutura do Senado Outubro de 2013 Um bom marco legal e regulatório incentiva investimentos Lei Mínima

Leia mais

Ministério das Comunicações

Ministério das Comunicações Ministério das Comunicações Acessos dez/2010 a mar/2014 Internet móvel (3G+4G) 454% Cidades com cobertura 3G de 824 para 3.253 295% 2 Crescimento da banda larga móvel por região Período: dez/2010 a mar/2014

Leia mais

IMPLANTAÇÃO DO 4G. Rio de Janeiro, 13 de maio de 2014 CARLOS DUPRAT

IMPLANTAÇÃO DO 4G. Rio de Janeiro, 13 de maio de 2014 CARLOS DUPRAT IMPLANTAÇÃO DO 4G Rio de Janeiro, 13 de maio de 2014 CARLOS DUPRAT sumário números do setor demanda por infraestrutura investimentos do setor dificuldades para ampliação da infraestrutura faixa de 700

Leia mais

OS DESAFIOS DO PRESENTE E A CONSTRUÇÃO DO FUTURO DAS TELECOMUNICAÇÕES NO BRASIL

OS DESAFIOS DO PRESENTE E A CONSTRUÇÃO DO FUTURO DAS TELECOMUNICAÇÕES NO BRASIL OS DESAFIOS DO PRESENTE E A CONSTRUÇÃO DO FUTURO DAS TELECOMUNICAÇÕES NO BRASIL WORKSHOP TELECOM FIESP SÃO PAULO 21 DE JULHO DE 2017 0 Nos últimos 16 anos, a Oi entregou um dos maiores e mais agressivos

Leia mais

Senado Federal Audiência Pública Conjunta CMA; CI; CCT 20/05/2014

Senado Federal Audiência Pública Conjunta CMA; CI; CCT 20/05/2014 Senado Federal Audiência Pública Conjunta CMA; CI; CCT 20/05/2014 Empresa pioneira na prestação de serviços convergentes no país, oferece transmissão de voz local e de longa distância, telefonia móvel,

Leia mais

Diretrizes e programas prioritários do Ministério das Comunicações

Diretrizes e programas prioritários do Ministério das Comunicações Comissão de Ciência e Tecnologia, Comunicação e Informática (CCTCI) Diretrizes e programas prioritários do Ministério das Comunicações Paulo Bernardo Silva Ministro de Estado das Comunicações Brasília,

Leia mais

Avaliação Trimestral do Plano Nacional de Ação de Melhoria da Prestação do Serviço Móvel Pessoal. Fevereiro/2013 a Abril/2013

Avaliação Trimestral do Plano Nacional de Ação de Melhoria da Prestação do Serviço Móvel Pessoal. Fevereiro/2013 a Abril/2013 Avaliação Trimestral do Plano Nacional de Ação de Melhoria da Prestação do Serviço Móvel Pessoal Fevereiro/2013 a Abril/2013 Evolução de acessos da Telefonia Móvel e indicação da evolução de tecnologias

Leia mais

700 MHZ EDUARDO LEVY SÃO PAULO, 21 DE AGOSTO DE 2013 CONVIVÊNCIA DA TV E DA BANDA LARGA CONGRESSO DA SET - SOCIEDADE DE ENGENHARIA DE TELEVISÃO

700 MHZ EDUARDO LEVY SÃO PAULO, 21 DE AGOSTO DE 2013 CONVIVÊNCIA DA TV E DA BANDA LARGA CONGRESSO DA SET - SOCIEDADE DE ENGENHARIA DE TELEVISÃO 700 MHZ CONVIVÊNCIA DA TV E DA BANDA LARGA CONGRESSO DA SET - SOCIEDADE DE ENGENHARIA DE TELEVISÃO EDUARDO LEVY SÃO PAULO, 21 DE AGOSTO DE 2013 crescimento do setor de telecomunicações está acelerado 8%

Leia mais

Explorando a visão do setor privado brasileiro sobre o potencial e possibilidades de projetos governamentais de Banda Larga no Brasil

Explorando a visão do setor privado brasileiro sobre o potencial e possibilidades de projetos governamentais de Banda Larga no Brasil TIM BRASIL Salvador, 22 de Fevereiro de 2016 Painel: Iniciativas de Projetos de Banda Larga: Experiências brasileiras e britânicas Explorando a visão do setor privado brasileiro sobre o potencial e possibilidades

Leia mais

Banda Larga Móvel no Brasil: Cenário Regulatório, Espectro de Radiofrequências, Mercado, Perspectivas e Desafios

Banda Larga Móvel no Brasil: Cenário Regulatório, Espectro de Radiofrequências, Mercado, Perspectivas e Desafios Banda Larga Móvel no Brasil: Cenário Regulatório, Espectro de Radiofrequências, Mercado, Perspectivas e Desafios Maximiliano Martinhão Secretário de Telecomunicações Brasília, 3 de junho de 2013 Espectro

Leia mais

700 MHZ PARA OS SERVIÇOS DE BANDA LARGA MÓVEL 4G

700 MHZ PARA OS SERVIÇOS DE BANDA LARGA MÓVEL 4G DESTINAÇÃO DA FAIXA DE 700 MHZ PARA OS SERVIÇOS DE BANDA LARGA MÓVEL 4G SENADO FEDERAL COMISSÃO DE CIÊNCIA E TECNOLOGIA EDUARDO LEVY BRASÍLIA, 15 DE MAIO DE 2014 em 08.abr.14 o SindiTelebrasil participou

Leia mais

TELECOMUNICAÇÕES NO BRASIL

TELECOMUNICAÇÕES NO BRASIL TELECOMUNICAÇÕES NO BRASIL AUDIÊNCIA PÚBLICA NA CÂMARA DOS DEPUTADOS COMISSÃO DE CIÊNCIA E TECNOLOGIA, COMUNICAÇÃO E INFORMÁTICA CARLOS DUPRAT BRASÍLIA, 05 DE MAIO DE 2015 1. O crescimento da demanda 2.

Leia mais

IoT: Políticas e Infraestrutura

IoT: Políticas e Infraestrutura Ministério das Comunicações IoT: Políticas e Infraestrutura A Evolução da Internet das Coisas no Brasil. FIESP, São Paulo 29/07/2015 PNBL para PBLT Banda Larga para Todos Chegar a 90% dos municípios com

Leia mais

INFRAESTRUTURA E CONECTIVIDADE: A IMPORTÂNCIA PARA A GESTÃO EFICIENTE DAS CIDADES

INFRAESTRUTURA E CONECTIVIDADE: A IMPORTÂNCIA PARA A GESTÃO EFICIENTE DAS CIDADES INFRAESTRUTURA E CONECTIVIDADE: A IMPORTÂNCIA PARA A GESTÃO EFICIENTE DAS CIDADES FÓRUM DE INFRAESTRUTURA E CONECTIVIDADE PARA SMART CITIES PORTO ALEGRE 29 DE MARÇO DE 2017 RICARDO DIECKMANN 1 Quem somos

Leia mais

Rogério Tostes A COMUNICAÇÃO MÓVEL NO BRASIL

Rogério Tostes A COMUNICAÇÃO MÓVEL NO BRASIL Rogério Tostes A COMUNICAÇÃO MÓVEL NO BRASIL 0 Agenda O Mercado Brasileiro A Virada da TIM Perspectivas para o 4T 2010 1 Notes O Brasil está em um momento fantástico PIB Crescimento real do PIB em 2010

Leia mais

Paulo Cesar Teixeira. VP Executivo de Operações COO 23/03/2010

Paulo Cesar Teixeira. VP Executivo de Operações COO 23/03/2010 Paulo Cesar Teixeira VP Executivo de Operações COO 23/03/2010 1. O Brasil 2. A Vivo 3. Soluções Móveis 2 4. Programa Soluções de Mobilidade 3 O BRASIL O crescimento do setor de telefonia móvel no Brasil

Leia mais

SETOR DE TELECOMUNICAÇÕES

SETOR DE TELECOMUNICAÇÕES SETOR DE TELECOMUNICAÇÕES AUDIÊNCIA PÚBLICA - SENADO FEDERAL EDUARDO LEVY Brasília, 20 de maio de 2014 números do setor de telecomunicações R$ 29,3 bilhões de investimentos em 2013 segundo ano consecutivo

Leia mais

CÂMARA DOS DEPUTADOS AUDIÊNCIA PÚBLICA CINDRA 04/11/2015

CÂMARA DOS DEPUTADOS AUDIÊNCIA PÚBLICA CINDRA 04/11/2015 CÂMARA DOS DEPUTADOS AUDIÊNCIA PÚBLICA CINDRA 04/11/2015 A TELEFÔNICA ACREDITA NO BRASIL, INVESTIU R$ 226 BILHÕES DESDE 1998 Fortes Investimentos Orgânicos e Inorgânicos 2010 R$ 4,9 bi de Investimento

Leia mais

Senado Federal Comissão de Ciência, Tecnologia, Inovação, Comunicação e Informática 08 de outubro de 2013

Senado Federal Comissão de Ciência, Tecnologia, Inovação, Comunicação e Informática 08 de outubro de 2013 Marco Regulatório Senado Federal Comissão de Ciência, Tecnologia, Inovação, Comunicação e Informática 08 de outubro de 2013 Panorama do Setor Em 1997, na corrida pelo usuário, a telefonia fixa era o destaque

Leia mais

NOVO MARCO LEGAL DAS TELECOMUNICAÇÕES

NOVO MARCO LEGAL DAS TELECOMUNICAÇÕES NOVO MARCO LEGAL DAS TELECOMUNICAÇÕES SÃO PAULO, 21 DE JULHO DE 2017 FIESP LGT 20 ANOS EDUARDO LEVY A Federação Brasileira de Telecomunicações é composta por 8 sindicatos, representando toda a cadeia dos

Leia mais

3 O setor de telecomunicações 3.1. A privatização do setor

3 O setor de telecomunicações 3.1. A privatização do setor 3 O setor de telecomunicações 3.1. A privatização do setor O setor de telecomunicações sofreu profundas transformações, principalmente na última década, considerando que era um monopólio estatal. Até o

Leia mais

AS NOVAS DEMANDAS DA SOCIEDADE E O PAPEL DO SETOR SÃO PAULO, 21 DE JULHO DE 2017 FIESP :: LGT 20 ANOS CARLOS DUPRAT

AS NOVAS DEMANDAS DA SOCIEDADE E O PAPEL DO SETOR SÃO PAULO, 21 DE JULHO DE 2017 FIESP :: LGT 20 ANOS CARLOS DUPRAT AS NOVAS DEMANDAS DA SOCIEDADE E O PAPEL DO SETOR SÃO PAULO, 21 DE JULHO DE 2017 FIESP :: LGT 20 ANOS CARLOS DUPRAT 1 O que o usuário deseja? 2 O que nós ofertamos? 3 O A evolução das políticas públicas

Leia mais

Banda Larga O que o Brasil precisa?

Banda Larga O que o Brasil precisa? Banda Larga O que o Brasil precisa? Audiência na Comissão de Ciência e Tecnologia, Comunicação e Informática CCTCI Eduardo Levy Brasília, 06 de dezembro de 2011 511 anos depois, ainda somos um Brasil de

Leia mais

PREÇOS DOS SERVIÇOS DE TELECOMUNICAÇÕES NO BRASIL BRASÍLIA, 08 DE OUTUBRO DE elaborado pela

PREÇOS DOS SERVIÇOS DE TELECOMUNICAÇÕES NO BRASIL BRASÍLIA, 08 DE OUTUBRO DE elaborado pela PREÇOS DOS SERVIÇOS DE TELECOMUNICAÇÕES NO BRASIL BRASÍLIA, 08 DE OUTUBRO DE 2014 elaborado pela Todo ano a UIT divulga relatório com os preços dos serviços de telecomunicações De acordo com o último relatório

Leia mais

POLÍTICAS PÚBLICAS DE INFRAESTRUTURA PARA O SETOR DE TELECOMUNICAÇÕES

POLÍTICAS PÚBLICAS DE INFRAESTRUTURA PARA O SETOR DE TELECOMUNICAÇÕES POLÍTICAS PÚBLICAS DE INFRAESTRUTURA PARA O SETOR DE TELECOMUNICAÇÕES Estratégias para um Brasil Digital Conselheiro Igor Vilas Boas de Freitas CRITÉRIOS PARA ELABORAÇÃO DE UMA POLÍTICA PÚBLICA O desenho

Leia mais

CENÁRIO NO PROVIMENTO DE INTERNET NO BRASIL. SÃO PAULO IX Fórum 10 DEZEMBRO/2016

CENÁRIO NO PROVIMENTO DE INTERNET NO BRASIL. SÃO PAULO IX Fórum 10 DEZEMBRO/2016 CENÁRIO NO PROVIMENTO DE INTERNET NO BRASIL SÃO PAULO IX Fórum 10 DEZEMBRO/2016 SCM Banda larga no Brasil Mapa de faixa de velocidade* * Taxa de Transmissão Fonte: http://especiais.g1.globo.com/tecnologia/banda-larga-brasil/2015/

Leia mais

TELEFONIA FIXA E MÓVEL

TELEFONIA FIXA E MÓVEL DEPEC Departamento de Pesquisas e Estudos Econômicos TELEFONIA FIXA E MÓVEL JUNHO DE 2017 O DEPEC BRADESCO não se responsabiliza por quaisquer atos/decisões tomadas com base nas informações disponibilizadas

Leia mais

O Setor de Telecomunicações

O Setor de Telecomunicações O Setor de Telecomunicações 2ª CODE Conferência do Desenvolvimento IPEA/2011 Brasília, 25 de novembro de 2011 Eduardo Levy 83 empresas representadas 17 empresas associadas Serviços de telefonia fixa Serviços

Leia mais

Plano Estratégico Relações com Investidores

Plano Estratégico Relações com Investidores 1 Limitação de Responsabilidade Esta apresentação contém declarações prospectivas que refletem crenças e expectativas atuais sobre a base de clientes, estimativas em relação aos resultados financeiros

Leia mais

LEI GERAL DAS ANTENAS:

LEI GERAL DAS ANTENAS: LEI GERAL DAS ANTENAS: O IMPACTO NAS CIDADES RIO DE JANEIRO, 3 E 4 DE JUNHO DE 2013 CARLOS DUPRAT crescimento do setor de telecomunicações está acelerado 8% 10% telefonia móvel banda larga fixa 27% 60%

Leia mais

Atualização do Plano Estratégico

Atualização do Plano Estratégico Londres, 03 de dezembro de 2008 Atualização do Plano Estratégico 2009-2011 TIM Participações TIM Brasil: Ações de Recuperação 2008 Ações TIM 1. Melhorando o processo de caring para clientes de alto valor

Leia mais

BANDA LARGA FIXA NO BRASIL

BANDA LARGA FIXA NO BRASIL 1 BANDA LARGA FIXA NO BRASIL AUDIÊNCIA PÚBLICA NA COMISSÃO DE DEFESA DO CONSUMIDOR DA CÂMARA DOS DEPUTADOS BRASÍLIA, 09 DE MAIO DE 2017 CARLOS DUPRAT Índice 1. Como funciona a oferta da banda larga fixa?

Leia mais

Explorando as Oportunidades dos Serviços de Dados. Expo Money Belo Horizonte

Explorando as Oportunidades dos Serviços de Dados. Expo Money Belo Horizonte Explorando as Oportunidades dos Serviços de Dados Expo Money Belo Horizonte Conhecendo a TIM 15 anos de Listagem na Bolsa TIM: Uma Gigante Brasileira Crescimento Receita Bruta (R$ Bi) 27,8 Base de Clientes

Leia mais

SERVIÇOS DE TELECOMUNICAÇÕES AUDIÊNCIA PÚBLICA CÂMARA DOS DEPUTADOS EDUARDO LEVY BRASÍLIA, 29 DE MAIO DE 2013

SERVIÇOS DE TELECOMUNICAÇÕES AUDIÊNCIA PÚBLICA CÂMARA DOS DEPUTADOS EDUARDO LEVY BRASÍLIA, 29 DE MAIO DE 2013 SERVIÇOS DE TELECOMUNICAÇÕES AUDIÊNCIA PÚBLICA CÂMARA DOS DEPUTADOS EDUARDO LEVY BRASÍLIA, 29 DE MAIO DE 2013 Reportagem exibida no Jornal Nacional da Rede Globo dia 16/05/2013 crescimento do setor de

Leia mais

31 ENCONTRO PROVEDORES REGIONAIS SALVADOR (BA) ABRIL/2017

31 ENCONTRO PROVEDORES REGIONAIS SALVADOR (BA) ABRIL/2017 31 ENCONTRO PROVEDORES REGIONAIS SALVADOR (BA) ABRIL/2017 O Papel do Provedor Regional Frente ao Novo Marco Legal do Setor O que diz o PLC 79/2016? Concessionárias do STFC poderão adaptar a concessão para

Leia mais

Fórum Alô, Brasil! Estimular e fortalecer a participação social nas telecomunicações. Brasília, 26 de abril de 2011 Ana Beatriz Souza

Fórum Alô, Brasil! Estimular e fortalecer a participação social nas telecomunicações. Brasília, 26 de abril de 2011 Ana Beatriz Souza Fórum Alô, Brasil! Estimular e fortalecer a participação social nas telecomunicações Brasília, 26 de abril de 2011 Ana Beatriz Souza Quem somos? 2 Sindicato que representa todas empresas que operam no

Leia mais

Ministério da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações A POLÍTICA DE BANDA LARGA DO GOVERNO FEDERAL

Ministério da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações A POLÍTICA DE BANDA LARGA DO GOVERNO FEDERAL Ministério da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações A POLÍTICA DE BANDA LARGA DO GOVERNO FEDERAL Panorama mundial 23% dos países pesquisados ainda não tem plano de banda larga implementado. Fontes:

Leia mais

Operadoras Competitivas Negócios de VALOR

Operadoras Competitivas Negócios de VALOR Operadoras Competitivas Negócios de VALOR No Brasil a penetração da banda larga fixa nos domicílios ainda é baixa Cresceu de 10M em 2008 para 14,4M agora A banda larga fixa é referência abrangente do desenvolvimento

Leia mais

Qualidade dos Serviços de Telecomunicações

Qualidade dos Serviços de Telecomunicações Qualidade dos Serviços de Telecomunicações Senado Federal Comissão de Ciência, Tecnologia, Inovação, Comunicação e Informática 24 de setembro de 2013 Agenda Contextualização do Setor Qualidade Indicadores

Leia mais

Brasil Digital Quadro de Referência Conceitual. Cesar Rômulo Silveira Neto Superintendente-Executivo

Brasil Digital Quadro de Referência Conceitual. Cesar Rômulo Silveira Neto Superintendente-Executivo Brasil Digital Quadro de Referência Conceitual Cesar Rômulo Silveira Neto Superintendente-Executivo 01 JUN 2007 Roteiro da Apresentação 51 Painel TELEBRASIL - Brasil Digital - Quadro de Referência Conceitual

Leia mais

TELEFONIA FIXA E MÓVEL

TELEFONIA FIXA E MÓVEL DEPEC Departamento de Pesquisas e Estudos Econômicos TELEFONIA FIXA E MÓVEL NOVEMBRO DE 2016 O DEPEC BRADESCO não se responsabiliza por quaisquer atos/decisões tomadas com base nas informações disponibilizadas

Leia mais

Telefonia Móvel. Audiência Pública da Comissão de Defesa do Consumidor Requerimentos 03/2011 e 05/ de março de 2011

Telefonia Móvel. Audiência Pública da Comissão de Defesa do Consumidor Requerimentos 03/2011 e 05/ de março de 2011 Telefonia Móvel Audiência Pública da Comissão de Defesa do Consumidor Requerimentos 03/2011 e 05/2011 24 de março de 2011 Sumário Base de clientes Investimentos Empregos gerados Competição Preço dos serviços

Leia mais

31º Encontro Provedores Regionais SALVADOR/BA, 25/04/2017

31º Encontro Provedores Regionais SALVADOR/BA, 25/04/2017 31º Encontro Provedores Regionais SALVADOR/BA, 25/04/2017 Ministério da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações - MCTIC A POLITICA DE BANDA LARGA DO GOVERNO FEDERAL A política nacional de telecomunicações

Leia mais

Encontro com a TIM APIMEC RJ. Rio de Janeiro. 22 de Setembro de 2016

Encontro com a TIM APIMEC RJ. Rio de Janeiro. 22 de Setembro de 2016 Encontro com a TIM APIMEC RJ Rio de Janeiro 22 de Setembro de 2016 Quem é a TIM? 18 a maior empresa privada do Brasil (Revista Exame - 2015) Em operação desde 1998 R$19 bilhões em valor de mercado 1º lugar

Leia mais

EAQ Entidade Aferidora da Qualidade de Banda Larga Workshop 5: Qualidade da Banda Larga no Brasil

EAQ Entidade Aferidora da Qualidade de Banda Larga Workshop 5: Qualidade da Banda Larga no Brasil EAQ Entidade Aferidora da Qualidade de Banda Larga Workshop 5: Qualidade da Banda Larga no Brasil 21 de maio de 2013 Workshop de Qualidade da Banda Larga 1. Introdução 2. A origem 3. Infraestrutura e Cadeia

Leia mais

Explorando as Oportunidades dos Serviços de Dados. Expo Money Brasília

Explorando as Oportunidades dos Serviços de Dados. Expo Money Brasília Explorando as Oportunidades dos Serviços de Dados Expo Money Brasília Conhecendo a TIM Aniversário de 15 anos de Listagem TIM: Uma Gigante Brasileira Crescimento Orgânico Receita Bruta (R$ Bi) 27,8 Base

Leia mais

Tele Nordeste Celular

Tele Nordeste Celular Tele Nordeste Celular Sergio Bartoletti 44º Painel Telebrasil Mesa Redonda do Painel IV Agenda Panorama do setor de telefonia móvel Como manter a saúde financeira das empresas Para onde caminham os novos

Leia mais

ÁUDIO CONFERÊNCIA2T11

ÁUDIO CONFERÊNCIA2T11 ÁUDIO CONFERÊNCIA2T11 AGOSTO 2011 Ofertas por segmento Desempenho operacional Desempenho financeiro 2 Ofertas por segmento Desempenho operacional Desempenho financeiro 3 Ofertas por Segmento DESTAQUES

Leia mais

TELE.SÍNTESE: PERSPECTIVA DE EVOLUÇÃO DO MODELO DE CONCESSÃO. Brasília Março 2016

TELE.SÍNTESE: PERSPECTIVA DE EVOLUÇÃO DO MODELO DE CONCESSÃO. Brasília Março 2016 TELE.SÍNTESE: PERSPECTIVA DE EVOLUÇÃO DO MODELO DE CONCESSÃO Brasília Março 2016 O modelo atual brasileiro de concessão de telefonia fixa se esgotou, e precisa ser modernizado O regime de Concessão atingiu

Leia mais

DESAFIOS PARA A INSTALAÇÃO DE INFRAESTRUTURA DE TELECOMUNICAÇÕES

DESAFIOS PARA A INSTALAÇÃO DE INFRAESTRUTURA DE TELECOMUNICAÇÕES DESAFIOS PARA A INSTALAÇÃO DE INFRAESTRUTURA DE TELECOMUNICAÇÕES COMISSÃO DE ADMINISTRAÇÃO PÚBLICA NA CÂMARA MUNICIPAL DE SÃO PAULO SÃO PAULO, 17 DE NOVEMBRO DE 2015 CARLOS DUPRAT AGENDA 1. Números do

Leia mais

ONDE INVESTIR EM BANDA LARGA, AS PRIORIDADES

ONDE INVESTIR EM BANDA LARGA, AS PRIORIDADES ONDE INVESTIR EM BANDA LARGA, AS PRIORIDADES 47º ENCONTRO TELE.SÍNTESE BRASÍLIA 14 DE MARÇO DE 2017 0 A modernização da Concessão e dos Fundos Setoriais são alavancas essenciais para financiar a Banda

Leia mais

25º Encontro Provedores Regionais NITERÓI/RJ, 13/09/2016

25º Encontro Provedores Regionais NITERÓI/RJ, 13/09/2016 25º Encontro Provedores Regionais NITERÓI/RJ, 13/09/2016 Ministério da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações - MCTIC POLÍTICAS PÚBLICAS DE INCENTIVO À BANDA LARGA O Programa Nacional de Banda Larga

Leia mais

REVISÃO DO MODELO DE TELECOM

REVISÃO DO MODELO DE TELECOM REVISÃO DO MODELO DE TELECOM 45º ENCONTRO TELE.SÍNTESE BRASÍLIA 06 DE SETEMBRO DE 2016 0 A perda da atratividade da concessão vêm sido evidenciada pelos principais indicadores do setor dos últimos anos

Leia mais

INFORME À IMPRENSA Mercado de energia elétrica: consumo no NE

INFORME À IMPRENSA Mercado de energia elétrica: consumo no NE Consumo residencial de eletricidade do NE supera, pela primeira vez, o do Sul Taxa de atendimento na região praticamente se iguala à média brasileira Rio de Janeiro, 09/07/2008 A primeira metade de 2008

Leia mais

O Desempenho Comparado das Telecomunicações do Brasil Preços dos Serviços de Telecomunicações Utilização de Banda Larga Fixa

O Desempenho Comparado das Telecomunicações do Brasil Preços dos Serviços de Telecomunicações Utilização de Banda Larga Fixa O Desempenho Comparado das Telecomunicações do Brasil Preços dos Serviços de Telecomunicações Utilização de Banda Larga Fixa Documento preparado por solicitação da TELEBRASIL & FEBRATEL São Paulo, agosto

Leia mais

POLÍTICAS PÚBLICAS DE BANDA LARGA NO BRASIL ( ): CRÍTICAS E IMPASSES

POLÍTICAS PÚBLICAS DE BANDA LARGA NO BRASIL ( ): CRÍTICAS E IMPASSES POLÍTICAS PÚBLICAS DE BANDA LARGA NO BRASIL (2014-2017): CRÍTICAS E IMPASSES Rafael A. F. Zanatta, Instituto Brasileiro de Defesa do Consumidor Senado Federal, 24/05/17 O Idec Organização civil criada

Leia mais

Apresentação de resultados. Algar Telecom 3T10

Apresentação de resultados. Algar Telecom 3T10 Apresentação de resultados Algar Telecom Destaques do Lucro Líquido consolidado de R$ 32,8 milhões, 49,5% maior que o do. Margem de 8,6% no, ante 6,2% no. Algar Telecom inicia oferta de varejo (voz, banda

Leia mais

Transformação da Base de Clientes: Pós-pago

Transformação da Base de Clientes: Pós-pago Transformação em curso: Ciclo Virtuoso em Ascensão Expansão da rede 4G (# sites 4G e-nodeb) Adições Líquidas de Pós-pago humano () (Excluindo M2M e Modems ; em milhares de linhas) 8,0 +55% 12,5 418 327

Leia mais

TELECOMUNICAÇÕES DO BRASIL SENADO FEDERAL COMISSÃO DE TRANSPARÊNCIA E GOVERNANÇA PÚBLICA CARLOS DUPRAT BRASÍLIA, 06 DE DEZEMBRO DE 2016

TELECOMUNICAÇÕES DO BRASIL SENADO FEDERAL COMISSÃO DE TRANSPARÊNCIA E GOVERNANÇA PÚBLICA CARLOS DUPRAT BRASÍLIA, 06 DE DEZEMBRO DE 2016 TELECOMUNICAÇÕES DO BRASIL SENADO FEDERAL COMISSÃO DE TRANSPARÊNCIA E GOVERNANÇA PÚBLICA CARLOS DUPRAT BRASÍLIA, 06 DE DEZEMBRO DE 2016 1 Situação do Setor de Telecomunicações 2 4 3 Crescimento da Demanda

Leia mais

A Telefónica está à frente do setor com negócios inovadores baseados na tecnologia ADSL que alavancarão o crescimento do negócio de Banda larga.

A Telefónica está à frente do setor com negócios inovadores baseados na tecnologia ADSL que alavancarão o crescimento do negócio de Banda larga. Marcando tendências A Telefónica está à frente do setor com negócios inovadores baseados na tecnologia ADSL que alavancarão o crescimento do negócio de Banda larga. Nos últimos anos a Telefónica vem se

Leia mais

PACTO DAS ANTENAS RICARDO DIECKMANN CDC ALEP - ACAMPAR LEGISLAÇÃO RESTRITIVA - CENÁRIO REGULATÓRIO E DESAFIOS. Cascavel, 21 de Novembro de 2013

PACTO DAS ANTENAS RICARDO DIECKMANN CDC ALEP - ACAMPAR LEGISLAÇÃO RESTRITIVA - CENÁRIO REGULATÓRIO E DESAFIOS. Cascavel, 21 de Novembro de 2013 PACTO DAS ANTENAS CDC ALEP - ACAMPAR LEGISLAÇÃO RESTRITIVA - CENÁRIO REGULATÓRIO E DESAFIOS Cascavel, 21 de Novembro de 2013 RICARDO DIECKMANN R$ 25,8 bilhões de investimentos em 2012 recorde histórico

Leia mais

Infraestrutura no Brasil: desafios e oportunidades para a próxima década

Infraestrutura no Brasil: desafios e oportunidades para a próxima década SOBRATEMA FÓRUM BRASIL INFRAESTRUTURA 1 Infraestrutura no Brasil: desafios e oportunidades para a próxima década Paulo Resende 2010 UMA VISÃO GERAL SOBRE A INFRAESTRUTURA BRASILEIRA 2 2010 a 2020: um País

Leia mais

Ministério das Comunicações

Ministério das Comunicações IV Seminário Telcomp 2011 Competição e Inovação A Perspectiva de Governo e Políticas Públicas: Políticas Públicas para incentivo à expansão de redes e serviços de telecomunicações Maximiliano S. Martinhão

Leia mais

UNIVERSALIZAÇÃO DA BANDA LARGA E OS PROVEDORES REGIONAIS ERICH RODRIGUES

UNIVERSALIZAÇÃO DA BANDA LARGA E OS PROVEDORES REGIONAIS ERICH RODRIGUES UNIVERSALIZAÇÃO DA BANDA LARGA E OS PROVEDORES REGIONAIS ERICH RODRIGUES Introdução 1 Abrint 2 4 3 Onde atuamos Qual taxa de crescimento Financiamento 5 PGMC ABRINT QUEM SOMOS Entidade sem fins lucrativos

Leia mais

COMISSÃO DECIÊNCIA ETECNOLOGIA, COMUNICAÇÃO E INFORMÁTICA COMISSÃO DEINTEGRAÇÃONACIONAL, DESENVOLVIMENTO REGIONAL E DA AMAZÔNIA AUDIÊNCIA PÚBLICA

COMISSÃO DECIÊNCIA ETECNOLOGIA, COMUNICAÇÃO E INFORMÁTICA COMISSÃO DEINTEGRAÇÃONACIONAL, DESENVOLVIMENTO REGIONAL E DA AMAZÔNIA AUDIÊNCIA PÚBLICA COMISSÃO DECIÊNCIA ETECNOLOGIA, COMUNICAÇÃO E INFORMÁTICA COMISSÃO DEINTEGRAÇÃONACIONAL, DESENVOLVIMENTO REGIONAL E DA AMAZÔNIA AUDIÊNCIA PÚBLICA DEBATE: OPERADORAS DE TELEFONIA MÓVEL EM DESTAQUE NOS RANKINGS

Leia mais

Ministério dos Transportes

Ministério dos Transportes Ministério dos Transportes VI Congresso Internacional de Transportes da Amazônia Política Nacional de Transportes Belém, 01 de setembro de 2015 Ministério dos Transportes - Competências Possui como principais

Leia mais

DIFICULDADES PARA INSTALAÇÃO

DIFICULDADES PARA INSTALAÇÃO DIFICULDADES PARA INSTALAÇÃO DE INFRAESTRUTURA DE TELECOMUNICAÇÕES NO BRASIL SEMINÁRIO DO INSTITUTO DE DIREITO APLICADO Brasília, 21 de agosto de 2013 EDUARDO LEVY crescimento do setor de telecomunicações

Leia mais

O Desempenho Comparado das Telecomunicações do Brasil Preços dos Serviços de Telecomunicações Utilização de Telefonia Fixa

O Desempenho Comparado das Telecomunicações do Brasil Preços dos Serviços de Telecomunicações Utilização de Telefonia Fixa O Desempenho Comparado das Telecomunicações do Brasil Preços dos Serviços de Telecomunicações Utilização de Telefonia Fixa Documento preparado por solicitação da TELEBRASIL & FEBRATEL São Paulo, Agosto

Leia mais

Evolução das Receitas Operacionais Líquidas, Receitas Médias por Usuário e Investimento dos principais Grupos de Telecomunicações

Evolução das Receitas Operacionais Líquidas, Receitas Médias por Usuário e Investimento dos principais Grupos de Telecomunicações H u m b e r t o B r u n o P o n t e s S i l v a G e r ê n c i a d e A c o m p a n h a m e n t o E c o n ô m i c o d a P r e s t a ç ã o - C P A E Evolução das Receitas Operacionais Líquidas, Receitas Médias

Leia mais

R E S U LTA D O S 1 T 11

R E S U LTA D O S 1 T 11 R E S U LTA D O S 1 T 11 Crescimento de Receita Líquida e EBITDA Combinado Proporcional: Receita Líquida: R$ 284,1 milhões + 19,5% acima de 1T10 EBITDA : R$ 5,3 milhões + 80,6 % em relação ao 1T10 Resultado

Leia mais

Mercado de Trabalho e o Futuro do Setor de Serviços

Mercado de Trabalho e o Futuro do Setor de Serviços Mercado de Trabalho e o Futuro do Setor de Serviços Seminário Terceirização, Evolução e Marco Legal Brasília, 06 de dezembro de 2011 Eduardo Levy histórico do setor de telecomunicações Serviços de telefonia

Leia mais

II Conferência Setor Elétrico Brasil - Santander. Britaldo Soares

II Conferência Setor Elétrico Brasil - Santander. Britaldo Soares II Conferência Setor Elétrico Brasil - Santander Britaldo Soares São Paulo 23 de fevereiro de 2011 Visão geral do Grupo AES AES no Mundo... 13 distribuidoras: 78TWh 121 geradoras: 43GW Ativos no mundo

Leia mais

TENDÊNCIAS, DESAFIOS E OBSTÁCULOS À INTERNET 5G, INTERNET DAS COISAS E INTELIGÊNCIA ARTIFICIAL

TENDÊNCIAS, DESAFIOS E OBSTÁCULOS À INTERNET 5G, INTERNET DAS COISAS E INTELIGÊNCIA ARTIFICIAL TENDÊNCIAS, DESAFIOS E OBSTÁCULOS À INTERNET 5G, INTERNET DAS COISAS E INTELIGÊNCIA ARTIFICIAL :: SENADO FEDERAL :: COMISSÃO DE CIÊNCIA, TECNOLOGIA, INOVAÇÃO, COMUNICAÇÃO E INFORMÁTICA :: CARLOS DUPRAT

Leia mais

Ministério das Comunicações 2015

Ministério das Comunicações 2015 Ministério das Comunicações 2015 _dados setoriais TELEFONIA Mais de 320 milhões de acessos! Número de acessos (em milhões) 350 300 250 200 150 100 50 0 261,8 271,1 280,7 282,4 242,2 202,9 174 150,6 121

Leia mais

NOVA POLÍTICA PÚBLICA DE TELECOMUNICAÇÕES. Secretaria de Telecomunicações

NOVA POLÍTICA PÚBLICA DE TELECOMUNICAÇÕES. Secretaria de Telecomunicações NOVA POLÍTICA PÚBLICA DE TELECOMUNICAÇÕES Secretaria de Telecomunicações PANORAMA STFC Declínio no interesse Fim das concessões Bens reversíveis Convergência tecnológica SMP e SCM: interesse e expansão

Leia mais

NDICE GERAL SUM RIO EXECUTIVO... 15 1. APRESENTAÇ O... 24 PARTE 1 RESULTADOS DO SETOR... 25

NDICE GERAL SUM RIO EXECUTIVO... 15 1. APRESENTAÇ O... 24 PARTE 1 RESULTADOS DO SETOR... 25 NDICE GERAL SUM RIO EXECUTIVO... 15 1. APRESENTAÇ O... 24 PARTE 1 RESULTADOS DO SETOR... 25 2. ORGANIZAÇ O... 26 2.1 Formação das Operadoras de Celular do Brasil... 26 2.2 Bandas de Frequências... 30 3.

Leia mais

POLÍTICAS PARA UNIVERSALIZAÇÃO DO ACESSO À INTERNET - O CASO BRASILEIRO

POLÍTICAS PARA UNIVERSALIZAÇÃO DO ACESSO À INTERNET - O CASO BRASILEIRO AGÊNCIA NACIONAL DE TELECOMUNICAÇÕES - ANATEL POLÍTICAS PARA UNIVERSALIZAÇÃO DO ACESSO À INTERNET - O CASO BRASILEIRO 1º Seminário Internacional TELECOM! SÃO PAULO - 10 DE ABRIL DE 2001 Antônio Carlos

Leia mais

TELEFONIA MÓVEL AUDIÊNCIA PÚBLICA CÂMARA LEGISLATIVA DO ESPÍRITO SANTO JOSÉ AMÉRICO LEITE FILHO VITÓRIA, 05 DE MARÇO DE 2013

TELEFONIA MÓVEL AUDIÊNCIA PÚBLICA CÂMARA LEGISLATIVA DO ESPÍRITO SANTO JOSÉ AMÉRICO LEITE FILHO VITÓRIA, 05 DE MARÇO DE 2013 TELEFONIA MÓVEL AUDIÊNCIA PÚBLICA CÂMARA LEGISLATIVA DO ESPÍRITO SANTO JOSÉ AMÉRICO LEITE FILHO VITÓRIA, 05 DE MARÇO DE 2013 crescimento do setor de telecomunicações está acelerado R$ 63 milhões de investimentos

Leia mais

Desafios da Informatização da Sociedade

Desafios da Informatização da Sociedade Telebrasil 2003 Desafios da Informatização da Sociedade Jose Roberto de Souza Pinto Diretor de Regulamentação e Interconexão - 0 - AGENDA Uma Sociedade Informatizada A Condição Atual do Brasil Por que

Leia mais

Ministério das Comunicações

Ministério das Comunicações Audiência Pública CCTCI/Câmara dos Deputados PROJETOS E AÇÕES DO MINISTÉRIO PARA O ANO DE 2013 Paulo Bernardo Silva Ministro de Estado das Comunicações Brasília, 24 de abril de 2013 Dados setoriais 2 O

Leia mais

AMBIENTE REGULATÓRIO DE 2014

AMBIENTE REGULATÓRIO DE 2014 AMBIENTE REGULATÓRIO DE 2014 RFS SALES MEETING SÃO PAULO, 28 E 29 DE JANEIRO CARLOS DUPRAT Como foi o ano de 2013? Recorde de investimento: mais de R$ 25 bi Mais de 47 milhões de novos acessos de banda

Leia mais

Questões Estruturantes para as Telecomunicações

Questões Estruturantes para as Telecomunicações ABDI Questões Estruturantes para as Telecomunicações Camilla Tápias Diretora de Assuntos Jurídico-Regulatórios Agenda 01 02 Cenário atual das telecomunicações Questões estruturantes 03 Conclusão 2 01 Cenário

Leia mais

5º Seminário Anbima de Renda Fixa e Derivativos de Balcão Investimento e Financiamento de Longo Prazo no Brasil

5º Seminário Anbima de Renda Fixa e Derivativos de Balcão Investimento e Financiamento de Longo Prazo no Brasil 5º Seminário Anbima de Renda Fixa e Derivativos de Balcão Investimento e Financiamento de Longo Prazo no Brasil Dyogo Henrique de Oliveira Secretário Executivo Ministério da Fazenda 1 Expansão do investimento

Leia mais