Manual de Navegação. Nos itens localizados no Menu na barra cinza, logo na cabeça do Portal, o usuário poderá acessar o seguinte:

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Manual de Navegação. Nos itens localizados no Menu na barra cinza, logo na cabeça do Portal, o usuário poderá acessar o seguinte:"

Transcrição

1 1 Menu na barra cinza 1.1 Itens localizados no Menu na barra cinza Nos itens localizados no Menu na barra cinza, logo na cabeça do Portal, o usuário poderá acessar o seguinte: - Site da Prefeitura: link de acesso direto ao site oficial da Prefeitura de Resende. - Perguntas Frequentes: página contendo as perguntas mais frequentes a respeito de informações oficiais sobre a administração pública. - Acesso à Informação: link de acesso direto ao E-SIC (Sistema Eletrônico do Serviço de Informação ao Cidadão), que permite que qualquer pessoa, física ou jurídica, encaminhe pedidos de acesso à informação para órgãos e entidades do Poder Executivo Municipal. - Botões de aumento e diminuição do tamanho das fontes para leitura do Portal, assim como botão de mudança de contraste, atendendo a requisitos de acessibilidade para pessoas com deficiência visual. 2 - Menu Principal 2.1 Item O Portal Neste item, o cidadão poderá conferir informações gerais sobre o Portal da Transparência da Prefeitura de Resende: O que é, dicas de navegação e parâmetros de acessibilidade.

2 2.2 Item SIC No item SIC, você poderá acessar informações sobre o Serviço de Informação ao Cidadão, que permite que qualquer pessoa, física ou jurídica, encaminhe pedidos de acesso à informação para órgãos e entidades do Poder Executivo Municipal por meio eletrônico ou fisicamente. 2.3 Item Legislação de Transparência A página Legislação de Transparência contém as seguintes leis: - Que regulamentam o Acesso à Informação (Lei Federal nº de 2011 e Decreto Municipal nº de Que determina a disponibilização de informações sobre a execução orçamentária e financeira (Lei Complementar Federal nº 131 de 2009). - Que dispõe sobre o padrão mínimo de qualidade do sistema integrado de administração financeira e controle (Decreto Federal nº 7185 de 2010). 2.4 Item Órgãos da Prefeitura: No item Órgãos da Prefeitura, você poderá acessar a lista de órgãos ligados à Prefeitura de Resende, como secretarias municipais, superintendências, órgãos de assessoramento e controle, fundações, autarquias e outros. Esta lista traz informações como horário de funcionamento, telefone, endereços e titulares dos órgãos.

3 2.5 Conselhos Municipais: No item Conselhos Municipais, você terá acesso a informações (endereço, telefone e formação) destes grupos que formam canais de participação democrática da população na gestão pública. 2.6 Concessões: Este canal possibilita o acesso a documentações referentes a concessões de serviços feitas pela Prefeitura de Resende por meio de licitação. 2.7 Balanços Contábeis Consolidados: Neste espaço, a Prefeitura de Resende disponibiliza os Balanços Contábeis Consolidados do Município, apresentando a situação patrimonial, orçamentária e financeira.

4 2.8 Relatórios de Audiências Públicas Neste item você confere os Relatórios Quadrimestrais de: - Audiência Pública, em atendimento à Lei de Responsabilidade Fiscal nº 101/2000, Artigo 9º, Parágrafo 4º; - De Prestação de Contas da Saúde, em atendimento à Lei Complementar nº. 141, de 13/01/ Certidão TCE/RJ Nesta página você poderá conferir as certidões emitidas pelo Tribunal de Contas do Estado do Rio de Janeiro quanto às contas da Prefeitura Municipal de Resende Avalie Nosso Portal Neste espaço, o cidadão poderá avaliar o Portal da Transparência da Prefeitura de Resende. A Prefeitura de Resende vem efetuando melhorias em seu Portal da Transparência de acordo com instruções de diversas entidades, como a Controladoria Geral da União (CGU), com intuito de tornar as informações sobre a administração pública cada vez mais claras e de fácil acesso à população, em respeito às Leis de Transparência e Acesso à Informação. Nesta página, o cidadão terá acesso a um questionário com questões avaliadas para a formulação da 'Escala Brasil Transparente', com metodologia desenvolvida pela CGU, e

5 disponibilizado neste espaço para que qualquer cidadão contribua de forma participativa para futuras melhorias neste Portal. Através das respostas ao questionário, a população poderá fiscalizar se os itens estabelecidos por esta metodologia vem sendo obedecidos e contribuir de forma efetiva com a gestão de informações públicas do governo municipal Outros No menu Outros, o usuário do Portal poderá ter acesso às seguintes informações: - Defesa Civil: O Plano de Contingência e Contenção desenvolvido pela Prefeitura e pela Defesa Civil do Município está disponível nesta página para acesso de qualquer cidadão. Este Plano tem por finalidade coordenar, organizar e facilitar as ações dos órgãos públicos e privados, antes, durante e depois da ocorrência de desastres naturais. Sua meta prioritária é planejar e preparar ações que possam ser implementadas rapidamente em casos de alagamentos e enchentes, realizando dessa maneira uma assistência imediata às famílias desabrigadas ou desalojadas. - Estatísticas de Pedidos de Informação: Neste item serão disponibilizados relatórios estatísticos mensais contendo a quantidade de pedidos de informação recebidos, atendidos e indeferidos no SIC e no E-Sic. - Links Úteis: Neste espaço, a Prefeitura de Resende disponibiliza ao usuário do Portal, diversos endereços eletrônicos ligados à transparência e divulgação de informações públicas, como os sites da Controladoria Geral da União, do Senado Federal - Orçamento da União, do Cadastro de Ações Orçamentárias, o Portal da Transparência da Câmara dos Deputados, entre outros. - Diárias de Viagens: Nesta página estão disponíveis informações de pagamentos de diárias pagas aos funcionários da Prefeitura Municipal de Resende. - Responsabilidade Fiscal 2005/2014: Este espaço disponibiliza os Relatórios Resumidos da Execução Orçamentária (RREO), Relatórios de Gestão Fiscal (RGF) e demonstrativos de Receitas e Despesas da Prefeitura Municipal de Resende de 2005 a 2014.

6 3 Botões na área central Despesas Neste espaço você confere a relação de despesas empenhadas, liquidadas e pagas pela Prefeitura de Resende, buscando por entidade, período ou tipo. 3.2 Receitas Neste item você poderá acessar informações sobre o ingresso de Receitas, buscando por período ou entidade.

7 3.3 Licitações e Contratos Informações sobre Licitações e Contratos da Prefeitura de Resende podem ser conferidas neste item, e a busca pode ser feita por entidade, número do processo, ano do processo, palavrachave, modalidade e situação. 3.4 Plano Diretor O Plano Diretor de Resende é o instrumento orientador e normativo dos processos de desenvolvimento político, socioeconômico, físico-ambiental e administrativo do Município. Este documento pode ser acessado na íntegra neste espaço.

8 3.5 Relatórios Resumidos da Execução Orçamentária A Lei Complementar nº 101, de 04 de maio de 2000, a Lei de Responsabilidade Fiscal (LRF), estabelece normas de finanças públicas voltadas para a responsabilidade na gestão fiscal. Neste espaço, em cumprimento ao que determina a Lei 9.755/98 e a Lei de Responsabilidade Fiscal (LRF), e visando dar ainda maior transparência aos atos da administração municipal, a Prefeitura de Resende disponibiliza suas contas públicas. Nesta página, você poderá ter acesso aos Relatórios Resumidos da Execução Orçamentária (RREO), Relatórios de Gestão Fiscal (RGF) e demonstrativos de Receitas e Despesas. 3.6 Relatórios de Gestão Fiscal Informações contábeis sobre a Prefeitura de Resende podem ser visualizadas neste item, com busca disponível por entidade, ano e mês.

9 3.7 - Orçamento No item Orçamento, o usuário poderá acessar: Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO), Lei Orçamentária Anual (LOA), Lei Orgânica Municipal (LOM), Plano Plurianual (PPA), Decretos, Código e demais Leis Tributárias do Município de Resende. 3.8 Transferências Estaduais e Federais Neste item, o cidadão pode visualizar os repasses dos Governos Estadual e Federal ao Município de Resende. O acompanhamento dos repasses do Governo Estadual é feito através de acesso ao Portal da Transparência do Governo do Estado do Rio de Janeiro, e dos repasses do Governo Federal é feito através de acesso ao Portal da Transparência do Governo Federal.

10 3.9 Quadro de Pessoal e Remuneração Nesta página você poderá conferir a relação de servidores/empregados da Prefeitura de Resende e sua Remuneração Individual. A busca pode ser feita pela lista geral de FUNCIONÁRIOS ATIVOS, de SERVIDORES EFETIVOS, de funcionários COMISSIONADOS ou CONTRATADOS. Além disso, neste espaço há também acesso à visualização do Quadro de Pessoal e Remuneração Individual de funcionários da Agência de Saneamento de Resende (Sanear) Estrutura Organizacional O item Estrutura Organizacional disponibiliza para acesso ao cidadão, o Organograma e as Competências de cada órgão da Prefeitura de Resende.

11 3.11 Boletim Oficial No item Boletim Oficial, estão disponíveis as publicações oficiais da Prefeitura Municipal de Resende. O Boletim Oficial é mantido pelo governo municipal para publicar os atos oficiais da administração pública. A busca de boletins está disponível por ano e número de cada publicação Consultas, Decretos e Portarias Nesta página, qualquer cidadão poderá consultar números, temas e datas de Decretos, Leis e Portarias da Prefeitura Municipal de Resende, por meio de listagem disponível ou busca por palavra-chave.

12 4 Destaques Banner do SIC (Serviço de Informação ao Cidadão) O banner de acesso ao SIC (Serviço de Informação ao Cidadão) está localizado na página principal do Portal da Transparência com destaque. Nele há informações sobre o Sic Físico, que funciona na sede da Prefeitura de Resende e permite que qualquer cidadão solicite pessoalmente informações sobre a administração pública, e também o link de acesso para o portal E-Sic, que permite que esta solicitação seja feita pela internet. 4.2 Espaço para notícias sobre Transparência e destaque para Órgãos da Prefeitura As Notícias sobre Transparência na administração pública, como divulgação de relatórios de prestação de contas, divulgação de datas de audiências públicas, lançamentos de ferramentas de transparência e acesso à informação, entre outras, têm espaço na página principal do Portal. E para facilitar o acesso do cidadão a informações dos órgãos da Prefeitura, como Secretarias,

13 superintendências, fundações, autarquias, entre outros, o Portal disponibiliza em sua página principal links de acesso rápido a estes órgãos. Ao clicar em cada um deles, o usuário poderá ter acesso a informações como horário de funcionamento, telefone, endereços e titulares dos órgãos. 5 Rodapé do Portal No rodapé do Portal da Transparência, o cidadão tem fácil acesso a informações como endereço e telefone da Prefeitura Municipal de Resende, além de seu CNPJ. O telefone de contato com a Ouvidoria do município, para sugestões e críticas, também está disponível neste espaço.

PORTAL DA TRANSPARÊNCIA HUGO WANDERLEY CAJÚ PREFEITO MUNICIPAL

PORTAL DA TRANSPARÊNCIA HUGO WANDERLEY CAJÚ PREFEITO MUNICIPAL PORTAL DA TRANSPARÊNCIA HUGO WANDERLEY CAJÚ PREFEITO MUNICIPAL 2017-2020 SUMÁRIO Apresentação...03 1. Legislação Municipal...04 2. Estrutura...04 3. Servidor...05 4. Licitações & Contratos Administrativos...06

Leia mais

TUTORIAL DO PORTAL DA TRANSPARÊNCIA PREFEITURA MUNICIPAL DE ALTO CAPARAÓ

TUTORIAL DO PORTAL DA TRANSPARÊNCIA PREFEITURA MUNICIPAL DE ALTO CAPARAÓ TUTORIAL DO PORTAL DA TRANSPARÊNCIA PREFEITURA MUNICIPAL DE ALTO CAPARAÓ APRESENTAÇÃO Esse Tutorial do Portal da Transparência da Prefeitura Municipal de Alto Caparaó foi criado com o intuito de facilitar

Leia mais

Manual do Portal da Transparência (Usuário)

Manual do Portal da Transparência (Usuário) Manual do Portal da Transparência (Usuário) CEBI Informática SUMÁRIO INTRODUÇÃO... 2 OPÇÕES DO MENU... 3 RECEITAS... 3 ARRECADAÇÕES... 5 SAÚDE... 6 EDUCAÇÃO... 7 DESPESAS... 8 EMPENHOS... 11 PAGAMENTOS...

Leia mais

MARÇO Boletim Nº COMO ESTÃO O PORTAL DE TRANSPARÊNCIA E O SERVIÇO DE INFORMAÇÃO AO CIDADÃO DA CÂMARA DE VEREADORES?

MARÇO Boletim Nº COMO ESTÃO O PORTAL DE TRANSPARÊNCIA E O SERVIÇO DE INFORMAÇÃO AO CIDADÃO DA CÂMARA DE VEREADORES? Boletim Nº www.observatoriopiracicaba.org.br MARÇO 2017 COMO ESTÃO O PORTAL DE TRANSPARÊNCIA E O SERVIÇO DE INFORMAÇÃO AO CIDADÃO DA CÂMARA DE VEREADORES? A transparência é o acesso aos documentos e às

Leia mais

MANUAL PRÁTICO DO PORTAL DA TRANSPARÊNCIA DO GOVERNO DO PARÁ

MANUAL PRÁTICO DO PORTAL DA TRANSPARÊNCIA DO GOVERNO DO PARÁ MANUAL PRÁTICO DO PORTAL DA TRANSPARÊNCIA DO GOVERNO DO PARÁ 1 APRESENTAÇÃO O Manual Prático do Portal da Transparência do Governo do Estado do Pará foi criado para facilitar a navegação no Portal da Transparência

Leia mais

IDENTIFICAÇÃO Nome da capital/estado: São Paulo/São Paulo. Endereço do portal:

IDENTIFICAÇÃO Nome da capital/estado: São Paulo/São Paulo. Endereço do portal: QUESTIONÁRIO 1 DE COLETA DE DADOS GRAU DE MATURIDADE do serviço prestado eletronicamente Aplicação direcionada aos portais institucionais oferecidos pelas prefeituras das capitais brasileiras IDENTIFICAÇÃO

Leia mais

CHECK LIST PORTAL DA TRANSPARÊNCIA/LAI

CHECK LIST PORTAL DA TRANSPARÊNCIA/LAI CHECK LIST PORTAL DA TRANSPARÊNCIA/LAI SOBRE O CONTEÚDO Detalhamento das despesas Item Assunto Orientação Referência Atendimento A informação deve possibilitar o acompanhamento da publicação 01 Data da

Leia mais

COMO ESTÃO OS PORTAIS DE TRANSPARÊNCIA E OS SERVIÇOS DE INFORMAÇÃO AO CIDADÃO (SIC) DA PREFEITURA E DA CÂMARA?

COMO ESTÃO OS PORTAIS DE TRANSPARÊNCIA E OS SERVIÇOS DE INFORMAÇÃO AO CIDADÃO (SIC) DA PREFEITURA E DA CÂMARA? Boletim Nº www.observatoriopiracicaba.org.br COMO ESTÃO OS PORTAIS DE TRANSPARÊNCIA E OS SERVIÇOS DE INFORMAÇÃO AO CIDADÃO (SIC) DA PREFEITURA E DA CÂMARA? MAIO 2014 A transparência e o acesso aos documentos

Leia mais

Prêmio Boas Práticas de Transparência na Internet

Prêmio Boas Práticas de Transparência na Internet Prêmio Boas Práticas de Transparência na Internet IV Encontro Estadual dos Observatórios Sociais APE Elisa Cecin Rohenkohl Contato: elisacr@tce.rs.gov.br Se eu tiver que escolher entre um governo sem jornais

Leia mais

COMUNICADO SDG Nº 05/2012

COMUNICADO SDG Nº 05/2012 COMUNICADO SDG Nº 05/2012 O Tribunal de Contas do Estado de São Paulo comunica o calendário para 2012 das providências a cargo das Prefeituras, Câmaras, Fundos, Institutos de Previdência, Autarquias, Fundações

Leia mais

Manual do Portal da Transparência (Usuário)

Manual do Portal da Transparência (Usuário) Manual do Portal da Transparência (Usuário) CEBI Informática SUMÁRIO INTRODUÇÃO... 2 OPÇÕES DO MENU... 3 RECEITAS... 3 ARRECADAÇÕES... 4 DESPESAS... 5 COLABORADORES... 7 EMPENHOS... 8 PAGAMENTOS... 9 LIQUIDAÇÕES...

Leia mais

Orientações de navegação do portal Transparência e Acesso à Informação

Orientações de navegação do portal Transparência e Acesso à Informação Orientações de navegação do portal Transparência e Acesso à Informação Como acessar o portal Transparência e Acesso à Informação : O portal Transparência e Acesso à Informação pode ser acessado através

Leia mais

MANUAL PORTAL TRANSPARÊNCIA

MANUAL PORTAL TRANSPARÊNCIA Página inicial MANUAL PORTAL TRANSPARÊNCIA A página inicial do Portal da Transparência é composta de um menu inicial, ao alto da tela, que acessa informações sobre Glossário do Site, Mapa do Portal, as

Leia mais

Portal da Transparência do Governo Municipal de Conceição do Coité - Bahia

Portal da Transparência do Governo Municipal de Conceição do Coité - Bahia MANUAL DE NAVEGAÇÃO Portal da Transparência do Governo Municipal de Conceição do Coité - Bahia Versão 2.0 Este é o Manual de Navegação do Portal de Transparência do Município de Conceição do Coité, Bahia.

Leia mais

Os compromissos do Gestor Municipal de Saúde à luz da Lei Orçamentária Anual; o Plano Municipal de Saúde e Relatório Anual de Saúde

Os compromissos do Gestor Municipal de Saúde à luz da Lei Orçamentária Anual; o Plano Municipal de Saúde e Relatório Anual de Saúde Os compromissos do Gestor Municipal de Saúde à luz da Lei Orçamentária Anual; o Plano Municipal de Saúde e Relatório Anual de Saúde São Paulo, 13 de abril de 2016 No momento em que se aproxima o fim da

Leia mais

Manual do Portal da Transparência (Usuário)

Manual do Portal da Transparência (Usuário) Manual do Portal da Transparência (Usuário) CEBI Informática SUMÁRIO INTRODUÇÃO... 2 OPÇÕES DO MENU... 3 RECEITAS... 3 ARRECADAÇÕES... 6 CUSTEIO... 7 INVESTIMENTO... 8 DESPESAS... 9 EMPENHOS... 12 PAGAMENTOS...

Leia mais

COMUNICADO SDG Nº 48/2013

COMUNICADO SDG Nº 48/2013 COMUNICADO SDG Nº 48/2013 O Tribunal de Contas do Estado de São Paulo comunica o calendário para 2014 das providências a cargo das Prefeituras, Câmaras, Fundos, Institutos de Previdência, Autarquias, Fundações

Leia mais

Manual de navegação do Usuário

Manual de navegação do Usuário Manual de navegação do Usuário Câmara Municipal De Barra de São Miguel- PB APRESENTAÇÃO Este é o Manual de Navegação da Câmara Municipal de Barra de São Miguel - PB. Tem linguagem simples e é ilustrado

Leia mais

Portaria UCI nº 01, de 04 de Janeiro de 2017

Portaria UCI nº 01, de 04 de Janeiro de 2017 Portaria UCI nº 01, de 04 de Janeiro de 2017 ESTABELECE O PROGRAMA ANUAL DE AUDITORIA INTERNA PAAI/2017 DA PREFEITURA MUNICIPAL DE RIBEIRÃO CASCALHEIRA-MT, DEFININDO OS PROCEDIMENTOS METODOLÓGICOS E CRONOLÓGICOS

Leia mais

Mês: Janeiro/2017 DATA LIMITE OBRIGAÇÕES - JANEIRO/2017 ÁREA

Mês: Janeiro/2017 DATA LIMITE OBRIGAÇÕES - JANEIRO/2017 ÁREA Mês: Janeiro/1 DATA LIMITE OBRIGAÇÕES - JANEIRO/1 ÁREA Ver Regulamentação Receber Balancetes da Câmara Municipal e demais Entidades da Administração Indireta para Consolidação Ver Regulamentação Recolher

Leia mais

Mês: Fevereiro/2017 DATA LIMITE OBRIGAÇÕES - FEVEREIRO/2017 ÁREA

Mês: Fevereiro/2017 DATA LIMITE OBRIGAÇÕES - FEVEREIRO/2017 ÁREA Mês: Fevereiro/1 DATA LIMITE OBRIGAÇÕES - FEVEREIRO/1 ÁREA Receber Balancetes da Câmara Municipal e demais Entidades da Administração Indireta para Consolidação conforme 2 do artigo 3º da IN TCE-MG nº

Leia mais

RELATÓRIO DE CONTROLE INTERNO

RELATÓRIO DE CONTROLE INTERNO RELATÓRIO DE CONTROLE INTERNO O Controle Interno Municipal, embora desprovido das tecnologias específicas voltadas para o planejamento das políticas públicas, mas também por reconhecer a importância da

Leia mais

CALENDÁRIO DE OBRIGAÇÕES E PRAZOS PARA A PREFEITURA

CALENDÁRIO DE OBRIGAÇÕES E PRAZOS PARA A PREFEITURA CALENDÁRIO DE OBRIGAÇÕES E PRAZOS PARA A PREFEITURA É DE SUMA IMPORTÂNCIA ESTARMOS ATENTOS AOS PRAZOS LIMITE, PARA QUE TENHAMOS MAIOR TRANQÜILIDADE PERANTE NOSSOS CLIENTES E OS GESTORES PERANTE A SOCIEDADE,

Leia mais

Resolução Atricon nº 05/2016

Resolução Atricon nº 05/2016 Resolução Atricon nº 05/016 Aprova recomendações para verificação do cumprimento da legislação de transparência (LC 101/00, alterada pela LC 131/09, e Lei 1.57/11), conforme previsto no Acordo de Cooperação

Leia mais

ARTIGO DO MÊS 2013 Movimento Nossa Betim Rua Paulo de Freitas nº 16 Sala

ARTIGO DO MÊS 2013 Movimento Nossa Betim Rua Paulo de Freitas nº 16 Sala ARTIGO DO MÊS Setembro 2013 Periodicamente o Movimento Nossa Betim divulga artigos sobre temas ligados à sustentabilidade no contexto da gestão de cidades Movimento Nossa Betim Rua Paulo de Freitas nº

Leia mais

Transparência Pública. Realizações Projetos e Perspectivas

Transparência Pública. Realizações Projetos e Perspectivas Transparência Pública Realizações Projetos e Perspectivas Marcos da Transparência no Brasil Acesso à informação como direito fundamental LRF Portal da Transparência Páginas de Transparência 2009 LAI remuneração

Leia mais

LEI DE ACESSO À INFORMAÇÃO LAI

LEI DE ACESSO À INFORMAÇÃO LAI PREFEITURA MUNICIPAL DE VIANA ESTADO DO ESPÍRITO SANTO CONTROLADORIA GERAL MUNICIPAL LEI DE ACESSO À INFORMAÇÃO LAI Lei Federal nº 12.527/11 - Lei Municipal nº 2.541/213 Decreto Municipal 141/216 RELATÓRIO

Leia mais

PLANO ANUAL DE TRABALHO DA OUVIDORIA

PLANO ANUAL DE TRABALHO DA OUVIDORIA 2017 PLANO ANUAL DE TRABALHO DA OUVIDORIA Instituto Federal Farroupilha 10/03/2017 Sumário 1. APRESENTAÇÃO... 2 2. A OUVIDORIA DO... 3 2.1. Relacionamento com a Sociedade... 3 3. OBJETIVO DO PLANO DE TRABALHO...

Leia mais

CHECK LIST DA TRANSIÇÃO DE GORVERNO

CHECK LIST DA TRANSIÇÃO DE GORVERNO CHECK LIST DA TRANSIÇÃO DE GORVERNO Missão: Evitar a descontinuidade Administrativa. Objetivo: Garantir o funcionamento contínuo das ações e serviços prestados à coletividade. Permitir a instituição de

Leia mais

Validação das avaliações setoriais do Plano Plurianual - PPA por unidade orçamentária - por dia (4)

Validação das avaliações setoriais do Plano Plurianual - PPA por unidade orçamentária - por dia (4) PREFEITURA DO MUNICÍPIO DE PORTO VELHO Decreto nº.13.528, de 2 de maio de 2014 QUADRO DE DETALHAMENTO DE TAREFAS QDT (ANEXO I) CÓDIGO ATIVIDADE NÍVEL 1 2 3 4 5 6 7 8 Análise e validação das propostas setoriais

Leia mais

LEI DA TRANSPARÊNCIA COMO INSTRUMENTO DE FISCALIZAÇÃO DAS CONTAS PÚBLICAS

LEI DA TRANSPARÊNCIA COMO INSTRUMENTO DE FISCALIZAÇÃO DAS CONTAS PÚBLICAS FÓRUM POPULAR DO ORÇAMENTO DO RIO DE JANEIRO LEI DA TRANSPARÊNCIA COMO INSTRUMENTO DE FISCALIZAÇÃO DAS CONTAS PÚBLICAS François E. J. de Bremaeker Consultor da Associação Transparência Municipal Gestor

Leia mais

MANUAL PRÁTICO DO PORTAL DA TRANSPARÊNCIA

MANUAL PRÁTICO DO PORTAL DA TRANSPARÊNCIA MANUAL PRÁTICO DO PORTAL DA TRANSPARÊNCIA VERSÃO NOVEMBRO/2015 APRESENTAÇÃO O Manual Prático do Portal da Transparência foi criado para possibilitar a população e interessados o acesso a informação, conforme

Leia mais

LEI DA TRANSPARÊNCIA COMO INSTRUMENTO DE FISCALIZAÇÃO DAS CONTAS PÚBLICAS

LEI DA TRANSPARÊNCIA COMO INSTRUMENTO DE FISCALIZAÇÃO DAS CONTAS PÚBLICAS XXV CONGRESSO BRASILERIO DE SERVIDORES DE CÂMARAS MUNICIPAIS V ENCONTRO NACIONAL DE VEREADORES Aracajú julho de 2010 LEI DA TRANSPARÊNCIA COMO INSTRUMENTO DE FISCALIZAÇÃO DAS CONTAS PÚBLICAS François E.

Leia mais

Sumário. Serviço Público e Administração Pública

Sumário. Serviço Público e Administração Pública Sumário Capítulo 1 Contabilidade Pública 1.1 Conceito 1.2 Objeto 1.3 Objetivo 1.4 Campo de Aplicação 1.5 Exercício Financeiro 1.6 Regime Orçamentário e Regime Contábil 1.6.1 Regime de Caixa 1.6.2 Regime

Leia mais

CARTILHA DE ORÇAMENTO FUNDO MUNICIPAL DE SAÚDE

CARTILHA DE ORÇAMENTO FUNDO MUNICIPAL DE SAÚDE CARTILHA DE ORÇAMENTO FUNDO MUNICIPAL DE SAÚDE 2017 1 Cartilha sobre Orçamento 1 - Entendendo o orçamento público A lei do orçamento conterá a discriminação da receita e despesa de forma a evidenciar a

Leia mais

Estado Brasileiro Regime: Democracia Sistema de Governo: Presidencialismo Modelo Constitucional: Estado Democrático de Direito

Estado Brasileiro Regime: Democracia Sistema de Governo: Presidencialismo Modelo Constitucional: Estado Democrático de Direito CONTROLE SOCIAL Jornalista Elton Bozzetto Fone(51) 9666 5592 E-mail: eltonbozzetto@gmail.com DIRETO DO CIDADÃO E DEVER DO ESTADO Estado Brasileiro Regime: Democracia Sistema de Governo: Presidencialismo

Leia mais

Câmara Municipal de São Sebastião da Grama

Câmara Municipal de São Sebastião da Grama RESOLUÇÃO Nº 002, DE 09 DE MARÇO DE 2016. Regulamenta o Acesso à Informação e cria o Sistema de Informação ao Cidadão SIC, nos regramentos encartados na Lei Federal n.º 12.527, de 18 de novembro de 2011

Leia mais

CALENDÁRIO DAS OBRIGAÇÕES DE ÓRGÃOS E ENTIDADES ESTADUAIS Exercício 2011

CALENDÁRIO DAS OBRIGAÇÕES DE ÓRGÃOS E ENTIDADES ESTADUAIS Exercício 2011 Exercício 2011 JANEIRO 17 O titular do Poder Executivo deverá enviar cópia do PPA atualizado, da LOA e da LDO juntamente com os anexos. Órgãos: deverão enviar a prestação de contas do mês de dezembro/2010.

Leia mais

Palestra EXECUÇÃO ORÇAMENTÁRIA E FINANCEIRA DA CÂMARA TRANSPARÊNCIA DAS CONTAS

Palestra EXECUÇÃO ORÇAMENTÁRIA E FINANCEIRA DA CÂMARA TRANSPARÊNCIA DAS CONTAS Palestra EXECUÇÃO ORÇAMENTÁRIA E FINANCEIRA DA CÂMARA TRANSPARÊNCIA DAS CONTAS 15 de março de 2017 BH Facilitador: Prof. Milton Mendes Botelho PLANO DE GOVERNO CONJUNTO DE PROPOSTAS resultantes de um

Leia mais

O EXERCÍCIO DE UM MANDATO TRANSPARENTE

O EXERCÍCIO DE UM MANDATO TRANSPARENTE VII CONGRESSO MINEIRO DE VEREADORES O EXERCÍCIO DE UM MANDATO TRANSPARENTE Dez diretrizes básicas Vivian do Carmo Bellezzia 1 ENTENDER A LÓGICA DO SISTEMA BRASILEIRO DE ACESSO À INFORMAÇÃO DIRETRIZES:

Leia mais

COORDENADORIA DE TRANSPARÊNCIA E CONTROLE SOCIAL. Manual de Navegação do Portal da Transparência do Governo do Estado do Paraná Versão 1.

COORDENADORIA DE TRANSPARÊNCIA E CONTROLE SOCIAL. Manual de Navegação do Portal da Transparência do Governo do Estado do Paraná Versão 1. Manual de Navegação do Portal da Transparência do Governo do Estado do Paraná Versão 1.1 1 CONTROLADORIA GERAL DO ESTADO COORDENADORIA DE TRANSPARÊNCIA E CONTROLE SOCIAL CARLOS EDUARDO DE MOURA Controlador

Leia mais

RELATÓRIO CIRCUNSTACIADO SECRETARIA MUNICIPAL DE PLANEJAMENTO, ORÇAMENTO E GESTÃO EXERCICIO 2016 TIMON - MA

RELATÓRIO CIRCUNSTACIADO SECRETARIA MUNICIPAL DE PLANEJAMENTO, ORÇAMENTO E GESTÃO EXERCICIO 2016 TIMON - MA Avenida Paulo Ramos n. 110 ocentrootimon-ma RELATÓRIO CIRCUNSTACIADO SECRETARIA MUNICIPAL DE PLANEJAMENTO, ORÇAMENTO E GESTÃO EXERCICIO 2016 TIMON - MA Março/20 17. //t-/' 4 Avenida Paulo Ramos n.1 10

Leia mais

Mês: Março/2017 DATA LIMITE OBRIGAÇÕES - MARÇO/2017 ÁREA

Mês: Março/2017 DATA LIMITE OBRIGAÇÕES - MARÇO/2017 ÁREA Mês: Março/1 DATA LIMITE OBRIGAÇÕES - MARÇO/1 ÁREA Ver Regulamentação Receber Balancetes da Câmara Municipal e demais Entidades da Administração Indireta para Consolidação Ver Regulamentação Recolher a

Leia mais

AUDIÊNCIA PÚBLICA LEI DE DIRETRIZES EXERCÍCIO FINANCEIRO DE 2016

AUDIÊNCIA PÚBLICA LEI DE DIRETRIZES EXERCÍCIO FINANCEIRO DE 2016 AUDIÊNCIA PÚBLICA LEI DE DIRETRIZES ORÇAMENTÁRIAS LDO EXERCÍCIO FINANCEIRO DE 2016 PREFEITURA DO MUNICÍPIO DE LONDRINA SECRETARIA MUNICIPAL DE PLANEJAMENTO, ORÇAMENTO E TECNOLOGIA DIRETORIA DE ORÇAMENTO

Leia mais

RELATÓRIO DE GESTÃO SECRETARIA MUNICIPAL DE DEFESA SOCIAL

RELATÓRIO DE GESTÃO SECRETARIA MUNICIPAL DE DEFESA SOCIAL RELATÓRIO DE GESTÃO SECRETARIA MUNICIPAL DE DEFESA SOCIAL Exercício de 2015 Sumário 1. DO FUNCIONAMENTO E DAS AÇÕES DESENVOLVIDAS... 2 2. DOS SETORES... 2 4. RETORNO A POPULAÇÃO... 3 5. OBSERVÂNCIA DA

Leia mais

Cargo: Técnico Judiciário Área Administrativa

Cargo: Técnico Judiciário Área Administrativa Comparativo das aulas dos cursos regulares e dos cursos para tribunais (Superiores, TRFs, TREs, TRTs e TJs) com os itens o edital do TST Cargo: Técnico Judiciário Área Administrativa Noções de Orçamento

Leia mais

LEI COMPLEMENTAR Nº 588, de 21 de fevereiro de 2017.

LEI COMPLEMENTAR Nº 588, de 21 de fevereiro de 2017. RIO GRANDE DO NORTE LEI COMPLEMENTAR Nº 588, de 21 de fevereiro de 2017. Estabelece normas de finanças públicas complementares à Lei Complementar Federal nº 101, de 04 de maio de 2000, e à Lei Federal

Leia mais

Guia. 2ª versão. Publicação do rol de informações classificadas e desclassificadas e de relatórios estatísticos sobre a Lei de Acesso à Informação

Guia. 2ª versão. Publicação do rol de informações classificadas e desclassificadas e de relatórios estatísticos sobre a Lei de Acesso à Informação Guia 2ª versão Publicação do rol de informações classificadas e desclassificadas e de relatórios estatísticos sobre a Lei de Acesso à Informação A. Introdução No contexto da implementação da Lei de Acesso

Leia mais

RECOMENDAÇÃO ADMINISTRATIVA Nº 06/2013

RECOMENDAÇÃO ADMINISTRATIVA Nº 06/2013 RECOMENDAÇÃO ADMINISTRATIVA Nº 06/2013 O Ministério Público do Estado do Paraná, pela Promotoria de Justiça da Comarca de Bom Jesus do Sul/PR, com fundamento no artigo 27, parágrafo único, inciso IV, da

Leia mais

Siglas deste documento:

Siglas deste documento: O Serviço Auxiliar de Informações para Transferências Voluntárias (CAUC) possui 13 itens a serem observados para a efetivação de uma transferência voluntária. Veja adiante a legislação relativa a cada

Leia mais

Aos clientes VISÃO CONSULTORIA Tarumã,SP, 20 de janeiro de MEMO nº03/2017. Confira as principais responsabilidades!

Aos clientes VISÃO CONSULTORIA Tarumã,SP, 20 de janeiro de MEMO nº03/2017. Confira as principais responsabilidades! Aos clientes VISÃO CONSULTORIA Tarumã,SP, 20 de janeiro de 2017. MEMO nº03/2017. Assunto: ENCERRAMENTO DO EXERCÍCIO DE 2016. Confira as principais responsabilidades! Prezados (as) Senhores (as): Encerrado

Leia mais

DOS CRITÉRIOS OBJETIVOS PARA PARTICIPAÇÃO

DOS CRITÉRIOS OBJETIVOS PARA PARTICIPAÇÃO Ofício Nº. 195/2017 - FPMA Araucária, 22 de setembro de 2017. Dispensa de licitação, em caráter emergencial, para contratação de assessoria contábil pelo período de 180 (cento e oitenta) dias. Ilustríssimo

Leia mais

PREFEITURA. Enviar cópia da Ata de audiência pública exigida pelo art. 9º da LRF (cumprimento de metas fiscais) 3º quadrimestre/2016.

PREFEITURA. Enviar cópia da Ata de audiência pública exigida pelo art. 9º da LRF (cumprimento de metas fiscais) 3º quadrimestre/2016. ABRIL/2017 - Informativo - Edição 04 PREFEITURA PRAZO OBRIGAÇÃO FORMA PRESTAÇÃO DE CONTAS LEGISLAÇÃO Até 04/04 Enviar dados de publicação da LRF - 1º bimestre de 2017 (Relatório Resumido da Execução Orçamentária,

Leia mais

RELATÓRIO E PARECER DO CONTROLE INTERNO REFERENTE À PRESTAÇÃO DE CONTAS DO PODER LEGISLATIVO MUNICIPAL DE ARATIBA EXERCÍCIO 2016

RELATÓRIO E PARECER DO CONTROLE INTERNO REFERENTE À PRESTAÇÃO DE CONTAS DO PODER LEGISLATIVO MUNICIPAL DE ARATIBA EXERCÍCIO 2016 RELATÓRIO E PARECER DO CONTROLE INTERNO REFERENTE À PRESTAÇÃO DE CONTAS DO PODER LEGISLATIVO MUNICIPAL DE ARATIBA EXERCÍCIO 2016 Na qualidade de responsável pelo órgão de Controle Interno do Município

Leia mais

Universidade Estadual do Centro-Oeste Reconhecida pelo Decreto Estadual nº 3.444, de 8 de agosto de 1997

Universidade Estadual do Centro-Oeste Reconhecida pelo Decreto Estadual nº 3.444, de 8 de agosto de 1997 RESOLUÇÃO Nº 63-COU/UNICENTRO, DE 29 DE MAIO DE 2009. Altera o art. 2º e anexo da Resolução nº 037- COU/UNICENTRO, de 28 de dezembro de 2006, e dá outras providências. O REITOR DA UNIVERSIDADE ESTADUAL

Leia mais

MUNICIPIO DE GUARATUBA

MUNICIPIO DE GUARATUBA PROJETO DE LEI Nº 1.441/2017 Data: 30 de outubro de 2.017. Súmula: Estima a Receita e fixa a Despesa do Município de Guaratuba para o exercício financeiro de 2018. O Prefeito do Município de Guaratuba,,

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DE PORTO ALEGRE SECRETARIA MUNICIPAL DA FAZENDA CONTROLADORIA-GERAL DO MUNICÍPIO INSTRUÇÃO NORMATIVA CGM Nº 03/2016 DETERMINA,

PREFEITURA MUNICIPAL DE PORTO ALEGRE SECRETARIA MUNICIPAL DA FAZENDA CONTROLADORIA-GERAL DO MUNICÍPIO INSTRUÇÃO NORMATIVA CGM Nº 03/2016 DETERMINA, PREFEITURA MUNICIPAL DE PORTO ALEGRE SECRETARIA MUNICIPAL DA FAZENDA CONTROLADORIA-GERAL DO MUNICÍPIO INSTRUÇÃO NORMATIVA CGM Nº 03/2016 Estabelece Normas para Prestação de Contas, Controle Interno e Encerramento

Leia mais

TRANSPARÊNCIA PÚBLICA: Portal da Transparência dos Poderes Municipais e TAG's. Gestão Responsável em último ano de mandato

TRANSPARÊNCIA PÚBLICA: Portal da Transparência dos Poderes Municipais e TAG's. Gestão Responsável em último ano de mandato TRANSPARÊNCIA PÚBLICA: Portal da Transparência dos Poderes Municipais e TAG's PAOLA CALS A. DAHER Analista de Controle Externo / TCM-PA Diretoria de Planejamento DIPLAN (91) 3210-7814 e 3210-7570 paolacals@gmail.com

Leia mais

LEI Nº 73, DE 30 MAIO DE 2006.

LEI Nº 73, DE 30 MAIO DE 2006. LEI Nº 73, DE 30 MAIO DE 2006. O Prefeito Municipal de Tijucas do Sul, Estado do Paraná: A Câmara Municipal decretou e eu sanciono a seguinte Lei: Reforma a estrutura organizacional da Administração Pública

Leia mais

Lei de 18/11/2011 Lei de acesso a informação pública

Lei de 18/11/2011 Lei de acesso a informação pública Lei 12.527 de 18/11/2011 Lei de acesso a informação pública Abrangência da Lei Art. 1 o Esta Lei dispõe sobre os procedimentos a serem observados pela União, Estados, Distrito Federal e Municípios, com

Leia mais

O Portal da Transparência do Governo Federal. Fevereiro de 2014

O Portal da Transparência do Governo Federal. Fevereiro de 2014 O Portal da Transparência do Governo Federal Fevereiro de 2014 A Controladoria-Geral da União (CGU), criada em 2003, é o órgão do Governo Federal responsável pelo controle interno, pela defesa do patrimônio

Leia mais

ESTADO DA BAHIA PREFEITURA MUNICIPAL DE GENTIO DO OURO

ESTADO DA BAHIA PREFEITURA MUNICIPAL DE GENTIO DO OURO SISTEMA DE CONTROLE INTERNO - SCI SCI - DECRETO n 02, de 27 de fevereiro de 2009. Institui normas e procedimentos de Controle Interno, no âmbito da Administração Direta e Indireta. O Prefeito Municipal

Leia mais

ESTIMA A RECEITA E FIXA A DESPESA DO MUNICÍPIO DE SELVÍRIA PARA O EXERCÍCIO FINANCEIRO DE 2012.

ESTIMA A RECEITA E FIXA A DESPESA DO MUNICÍPIO DE SELVÍRIA PARA O EXERCÍCIO FINANCEIRO DE 2012. LEI N.º 830/2011, de 21 de dezembro de 2011 ESTIMA A RECEITA E FIXA A DESPESA DO MUNICÍPIO DE SELVÍRIA PARA O EXERCÍCIO FINANCEIRO DE 2012. PROFESSOR JOSÉ DODO DA ROCHA, Prefeito do Município de Selvíria,

Leia mais

ESTADO DO PIAUÍ PREFEITURA MUNICIPAL DE SÃO FRANCISCO DO PIAUÍ GABINETE DO PREFEITO

ESTADO DO PIAUÍ PREFEITURA MUNICIPAL DE SÃO FRANCISCO DO PIAUÍ GABINETE DO PREFEITO LEI Nº. 503/2015, DE 21 DE DEZEMBRO DE 2015. Estima a receita e fixa a despesa do município de São Francisco do Piauí para o exercício financeiro de 2016. O PREFEITO MUNICIPAL DE SÃO FRANCISCO DO PIAUÍ,

Leia mais

Transparência na Gestão dos Recursos Públicos. Abordagem na Lei da Transparência Pública e Lei de Acesso à Informação

Transparência na Gestão dos Recursos Públicos. Abordagem na Lei da Transparência Pública e Lei de Acesso à Informação Transparência na Gestão dos Recursos Públicos Abordagem na Lei da Transparência Pública e Lei de Acesso à Informação Quanto maior for a exposição e a publicidade dos gastos e atos públicos, menor será

Leia mais

Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação

Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação II Encontro Nacional entre o Ministério Público e o MEC Sistema de Informações sobre Orçamentos Públicos em Educação Setembro - 2009 O que é Sistema de acesso

Leia mais

AUDIÊNCIA PÚBLICA PREFEITURA MUNICIPAL DE SIMÕES FILHO. Projeto de Lei de Diretrizes Orçamentárias para o exercício de 2018 LDO 2018 ESTADO DA BAHIA

AUDIÊNCIA PÚBLICA PREFEITURA MUNICIPAL DE SIMÕES FILHO. Projeto de Lei de Diretrizes Orçamentárias para o exercício de 2018 LDO 2018 ESTADO DA BAHIA ESTADO DA BAHIA PREFEITURA MUNICIPAL DE SIMÕES FILHO AUDIÊNCIA PÚBLICA Projeto de Lei de Diretrizes Orçamentárias para o exercício de 2018 Diógenes Tolentino de Oliveira Prefeito Municipal LDO 2018 Simões

Leia mais

Prefeitura Municipal de Tubarão Resumo das Finanças Despesas Realizadas Ano 2015 Em Milhões de 98,393 63,290 12,920 6,813 Folha de Pagamento Servidore

Prefeitura Municipal de Tubarão Resumo das Finanças Despesas Realizadas Ano 2015 Em Milhões de 98,393 63,290 12,920 6,813 Folha de Pagamento Servidore Prefeitura Municipal de Tubarão Resumo das Finanças Despesas Realizadas por Área de Governo Ano 2015 Em Milhões de 54,422 42,156 29,334 16,780 9,551 7,301 7,295 6,813 Cultura, Esporte e Turismo 5,1% 6,667

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DE SELVÍRIA ESTADO DE MATO GROSSO DO SUL

PREFEITURA MUNICIPAL DE SELVÍRIA ESTADO DE MATO GROSSO DO SUL LEI N.º 968/2015, de 21 de dezembro de 2015. ESTIMA A RECEITA E FIXA A DESPESA DO MUNICÍPIO DE SELVÍRIA PARA O EXERCÍCIO FINANCEIRO DE 2016. JAIME SOARES FERREIRA, Prefeito do Município de Selvíria, Estado

Leia mais

MANUAL DO PORTAL DA TRANSPARÊNCIA DO GOVERNO DO ESTADO DA PARAÍBA

MANUAL DO PORTAL DA TRANSPARÊNCIA DO GOVERNO DO ESTADO DA PARAÍBA MANUAL DO PORTAL DA TRANSPARÊNCIA DO GOVERNO DO ESTADO DA PARAÍBA Portal da Transparência do Governo do Estado da Paraíba Tel (83) 3218-4751 www.transparencia.pb.gov.br transparencia@paraiba.pb.gov.br

Leia mais

LEI Nº 3.905, DE 19 DE DEZEMBRO DE O Prefeito Municipal: Faço saber que a Câmara Municipal decreta e eu sanciono a seguinte Lei: CAPÍTULO I

LEI Nº 3.905, DE 19 DE DEZEMBRO DE O Prefeito Municipal: Faço saber que a Câmara Municipal decreta e eu sanciono a seguinte Lei: CAPÍTULO I LEI Nº 3.905, DE 19 DE DEZEMBRO DE 2016. Estima a receita e fixa a despesa do Município para o exercício financeiro de 2017 e dá outras disposições. O Prefeito Municipal: Faço saber que a Câmara Municipal

Leia mais

Relatório Estatístico

Relatório Estatístico SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO GRANDE FURG Gabinete da Reitora Ouvidoria da Universidade Federal do Rio Grande FURG Relatório Estatístico Exercício 2015 e 1º

Leia mais

COBRANÇA PELO USO DA ÁGUA Aplicação dos recursos arrecadados e sustentabilidade financeira da entidade delegatária CBH- PARANAIBA

COBRANÇA PELO USO DA ÁGUA Aplicação dos recursos arrecadados e sustentabilidade financeira da entidade delegatária CBH- PARANAIBA COBRANÇA PELO USO DA ÁGUA Aplicação dos recursos arrecadados e sustentabilidade financeira da entidade delegatária CBH- PARANAIBA 31/07/2014 - Brasília DF SERGIO RAZERA Diretor-Presidente Fundação Agência

Leia mais

Análise Demonstrações Financeiras do Estado de São Paulo

Análise Demonstrações Financeiras do Estado de São Paulo Análise Demonstrações Financeiras do Estado de São Paulo GRUPO: Eduardo Torrecilha Nº USP 663150 José Alves Nº USP 9252317 Marcos Alviano Nº USP 9321432 Vinício Pensa Nº USP 5240539 Estrutura Organizacional

Leia mais

Sumário. LRF_Book.indb 15 19/03/ :29:01

Sumário. LRF_Book.indb 15 19/03/ :29:01 Sumário Capítulo 1 Disposições Gerais... 1 1.1. Introdução... 1 1.2. Objetivo da obra... 6 1.3. Apresentando a LRF... 6 1.4. Origem da LRF... 7 1.5. Previsão constitucional para implementação da LRF...

Leia mais

ESTADO DA PARAÍBA PREFEITURA MUNICIPAL DE PIANCÓ Secretaria-Chefe de Gabinete

ESTADO DA PARAÍBA PREFEITURA MUNICIPAL DE PIANCÓ Secretaria-Chefe de Gabinete Página 1 Poder Executivo Gabinete do Prefeito Decretos DECRETO Nº 01, DE 8 DE JANEIRO DE 2014. Dispõe sobre as Metas Bimestrais de Arrecadação (MBA) e o Cronograma Mensal de Desembolso (CDM) do Poder Executivo

Leia mais

Faço saber que a CÂMARA MUNICIPAL DE BELÉM estatui e eu sanciono a seguinte Lei:

Faço saber que a CÂMARA MUNICIPAL DE BELÉM estatui e eu sanciono a seguinte Lei: Estima a Receita e fixa a Despesa do Município de Belém, para o exercício de 2016. O PREFEITO MUNICIPAL DE BELÉM, Faço saber que a CÂMARA MUNICIPAL DE BELÉM estatui e eu sanciono a seguinte Lei: Art. 1º

Leia mais

Orçamento e Financiamento da Assistência Social

Orçamento e Financiamento da Assistência Social Orçamento e Financiamento da Assistência Social Orçamento e Financiamento: Definições O Orçamento Público é um Planejamento que gera um compromisso de um governo em relação às políticas públicas; Ele reflete

Leia mais

Este Guia explica como enviar as informações de forma automática do sistema da SH3 para o Portal da Transparência. Versão

Este Guia explica como enviar as informações de forma automática do sistema da SH3 para o Portal da Transparência. Versão Qualquer cidadão tem direito ao acesso fácil e ágil às informações produzidas e/ou guardadas no município, pois elas são um bem público. Os órgãos e entidades públicas têm obrigação de divulgar informações

Leia mais

DECRETO RIO Nº DE 30 DE JUNHO DE 2017 (PUBLICADO NO DO DE 03/07/2017) O PREFEITO DA CIDADE DO RIO DE JANEIRO, no uso de suas atribuições legais,

DECRETO RIO Nº DE 30 DE JUNHO DE 2017 (PUBLICADO NO DO DE 03/07/2017) O PREFEITO DA CIDADE DO RIO DE JANEIRO, no uso de suas atribuições legais, DECRETO RIO Nº 43378 DE 30 DE JUNHO DE 2017 (PUBLICADO NO DO DE 03/07/2017) Dispõe sobre a estrutura organizacional da Empresa Pública de Saúde do Rio de Janeiro S.A. - RIOSAÚDE. O PREFEITO DA CIDADE DO

Leia mais

Manual de Navegação do Transparência Fly

Manual de Navegação do Transparência Fly Manual de Navegação do Transparência Fly A Universidade Corporativa Betha é mais um projeto da empresa visando a melhoria contínua nos serviços oferecidos aos clientes, colaboradores e parceiros. Focada

Leia mais

CONTROLE DE CONTEÚDO DNIT ANALISTA DE INFRAESTRUTURA ENGENHARIA CIVIL

CONTROLE DE CONTEÚDO DNIT ANALISTA DE INFRAESTRUTURA ENGENHARIA CIVIL 1 Ordenação de frases (compreensão textual). 2 Sintaxe: termos da oração. Pontuação. 3 Sintaxe: período composto por coordenação. Pontuação. 4 Sintaxe: período composto por subordinação. Pontuação. 5 Sintaxe:

Leia mais

CURSO DE ADMINISTRAÇÃO UNIDADE: ÁGUAS CLARAS

CURSO DE ADMINISTRAÇÃO UNIDADE: ÁGUAS CLARAS CURSO DE ADMINISTRAÇÃO UNIDADE: ÁGUAS CLARAS AFO II Administração Financeira e Orçamentária - Pública 1 AFO II Administração Financeira e Orçamentária Pública 1º/2013 UNIDADE III ORÇAMENTO E PLANEJAMENTO

Leia mais

José Urbano Duarte Vice Presidente de Governo e Habitação 22 NOV 2012

José Urbano Duarte Vice Presidente de Governo e Habitação 22 NOV 2012 José Urbano Duarte Vice Presidente de Governo e Habitação 22 NOV 2012 1 Município é um ente federativo com atribuições diversas em políticas públicas habitação saneamento infraestrutura saúde educação

Leia mais

Conceito de Orçamento TRIBUNAL DE CONTAS DOS MUNICÍPIOS GESTÃO MUNICIPAL I 13/05/09 ORÇAMENTO PARTICIPATIVO CASO PRÁTICO O QUE É ORÇAMENTO?

Conceito de Orçamento TRIBUNAL DE CONTAS DOS MUNICÍPIOS GESTÃO MUNICIPAL I 13/05/09 ORÇAMENTO PARTICIPATIVO CASO PRÁTICO O QUE É ORÇAMENTO? TRIBUNAL DE CONTAS DOS MUNICÍPIOS GESTÃO MUNICIPAL I 13/05/09 ORÇAMENTO PARTICIPATIVO CASO PRÁTICO Prof. Marcus Vinícius Veras Machado O QUE É ORÇAMENTO? Orçamento Pessoal Orçamento empresarial (Mão-de-Obra,

Leia mais

PROGRAMA DE DISCIPLINA

PROGRAMA DE DISCIPLINA Faculdade Anísio Teixeira de Feira de Santana Autorizada pela Portaria Ministerial nº 552 de 22 de março de 2001 e publicada no Diário Oficial da União de 26 de março de 2001. Endereço: Rua Juracy Magalhães,

Leia mais

ESTADO DE SANTA CATARINA MUNICÍPIO DE BRAÇO DO NORTE SC EDITAL DE CONCURSO PÚBLICO N 001/2017

ESTADO DE SANTA CATARINA MUNICÍPIO DE BRAÇO DO NORTE SC EDITAL DE CONCURSO PÚBLICO N 001/2017 EDITAL DE RETIFICAÇÃO N 001/2017 O torna público a Retificação n 001/2017 ao Edital de Concurso Público n 001/2017 que passa a ser assim definido: 1. DOS CARGOS, NÍVEL HABILITAÇÃO PROFISSIONAL: Na página

Leia mais

PORTARIA TRT 18ª GP/DG Nº

PORTARIA TRT 18ª GP/DG Nº PORTARIA TRT 18ª GP/DG Nº 50, de 18.3.09 O DESEMBARGADOR-PRESIDENTE DO TRIBUNAL REGIONAL DO TRABALHO DA 18ª REGIÃO, no uso de suas atribuições legais e regimentais, Considerando a necessidade de atualização

Leia mais

PLANO MUNICIPAL DE ASSISTÊNCIA SOCIAL

PLANO MUNICIPAL DE ASSISTÊNCIA SOCIAL PLANO MUNICIPAL DE ASSISTÊNCIA SOCIAL 2010 2013 INSTRUMENTOS TÉCNICOS DO CICLO ORÇAMENTÁRIO CONSIDERAÇÕES INICIAIS A Constituição de 1988 introduziu significativa alteração no sistema de planejamento e

Leia mais

Noções de Direito Aula assistida? Questões Feitas? Revisão

Noções de Direito Aula assistida? Questões Feitas? Revisão Noções de Direito Aula assistida? Questões Feitas? Revisão 1. Direito Constitucional 1.1. A Constituição Federal de 1988 1.1.1. Dos Princípios Fundamentais 1.1.2. Dos Direitos e Garantias Fundamentais

Leia mais

Abertura dos Cursos para CLDF: finanças pública, contador e administrador. Prof. Dr. Giovanni Pacelli

Abertura dos Cursos para CLDF: finanças pública, contador e administrador. Prof. Dr. Giovanni Pacelli Abertura dos Cursos para CLDF: finanças pública, contador e administrador Prof. Dr. Giovanni Pacelli Doutor (2016) e Mestre em Contabilidade - 2011 (UnB). Especialista em Operações Militares - 2008 (ESAO).

Leia mais

CAPÍTULO IV CRÉDITOS ADICIONAIS 1. Introdução 2. Créditos suplementares 3. Créditos especiais

CAPÍTULO IV CRÉDITOS ADICIONAIS 1. Introdução 2. Créditos suplementares 3. Créditos especiais SUMÁRIO CAPÍTULO I INTRODUÇÃO À ADMINISTRAÇÃO FINANCEIRA E ORÇAMENTÁRIA 1.1 O Direito Financeiro e a Administração Financeira e Orçamentária 1.2 Normas gerais de Direito Financeiro 2. A atividade financeira

Leia mais

Experiência do Brasil para melhoria da transparência fiscal

Experiência do Brasil para melhoria da transparência fiscal PAINEL VI O Brasil no contexto da transparência fiscal Experiência do Brasil para melhoria da transparência fiscal George Alberto de Aguiar Soares Secretário Adjunto para Assuntos Fiscais/SOF SUMÁRIO 1

Leia mais

Relatório de Gestão Fiscal do Poder Executivo

Relatório de Gestão Fiscal do Poder Executivo 2012 Relatório de Gestão Fiscal do Poder Executivo 1º Material divulgado em atendimento às disposições de que trata a Portaria nº 407 da Secretaria do Tesouro Nacional, de 20 de junho de 2011 e o estabelecido

Leia mais

MUNICÍPIO DE BORBOREMA.

MUNICÍPIO DE BORBOREMA. Segunda-feira, 17 de julho de 2017 Ano II Edição nº 290 Página 1 de 5 SUMÁRIO PODER EXECUTIVO DE BORBOREMA 2 Atos Oficiais 2 Decretos 2 Portarias 3 Licitações e Contratos 4 Aviso de Licitação 4 EXPEDIENTE

Leia mais

Tópico 5: RREO e RGF.

Tópico 5: RREO e RGF. Tópico 5: RREO e RGF. 1. (Cespe/2007/TCM-GO/Procurador) Determinado município brasileiro, ao final do primeiro quadrimestre do exercício, providenciou a elaboração de seu relatório de gestão fiscal. Todavia,

Leia mais

Consórcios Públicos em Saúde. Ceará, 2008

Consórcios Públicos em Saúde. Ceará, 2008 Consórcios Públicos em Saúde Ceará, 2008 Principais Inovações Lei dos Consórcios (Lei n.º 11.107 de 06 de abril de 2005) Protocolo de Intenções Pessoa jurídica para representar o Consórcio Contratos de

Leia mais

Portal da Transparência do Governo Federal e LC 131/2009.

Portal da Transparência do Governo Federal e LC 131/2009. Portal da Transparência do Governo Federal e LC 131/2009 http://www.portaldatransparencia.gov.br/ Agenda Transparência Pública Objetivos Legislação Portal da Transparência do Governo Federal O que é Atendimento

Leia mais

Controladoria-Geral da União: Zelando pela boa aplicação dos recursos públicos. VALDIR AGAPITO TEIXEIRA Secretário Federal de Controle Interno

Controladoria-Geral da União: Zelando pela boa aplicação dos recursos públicos. VALDIR AGAPITO TEIXEIRA Secretário Federal de Controle Interno Controladoria-Geral da União: Zelando pela boa aplicação dos recursos públicos VALDIR AGAPITO TEIXEIRA Secretário Federal de Controle Interno Maio de 2013 O desafio do Controle é do tamanho do Brasil!

Leia mais

MENSURAÇÃO: Sim (1) ou Não (0) 3 As obras e os projetos incluídos na matriz, sob sua responsabilidade, contêm indicadores e metas?

MENSURAÇÃO: Sim (1) ou Não (0) 3 As obras e os projetos incluídos na matriz, sob sua responsabilidade, contêm indicadores e metas? INDICADORES TRANSPARÊNCIA DOS JOGOS OLÍMPICOS E PARALÍMPICOS RIO 2016 1. BLOCO CONTEÚDO 1.1 Geral 1 Há algum site específico ou uma sessão no site principal que concentre todas as informações relativas

Leia mais