A NECESSIDADE DE SE TRABALHAR A EDUCAÇÃO AMBIENTAL NAS SÉRIES INICIAIS DA EDUCAÇÃO PÚBLICA

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "A NECESSIDADE DE SE TRABALHAR A EDUCAÇÃO AMBIENTAL NAS SÉRIES INICIAIS DA EDUCAÇÃO PÚBLICA"

Transcrição

1 V Encontro Nacional das Licenciaturas IV Seminário Nacional do PIBID XI Seminário de Iniciação à Docência SID UFRN A NECESSIDADE DE SE TRABALHAR A EDUCAÇÃO AMBIENTAL NAS SÉRIES INICIAIS DA EDUCAÇÃO PÚBLICA Edivan Pereira Gomes 1, Liliane Alves da Costa 2 ¹ Graduando em Letras, bolsista do PIBID/UNIRG Gurupi TO, 2 Professora Especialista Supervisora do PIBID/UNIRG Gurupi TO, RESUMO A destruição do meio ambiente, causada devido o avanço das cidades que crescem sem planejamento, invadindo áreas que deveriam ser preservadas motivou o desenvolvimento da pesquisa. Visando garantir a manutenção da fauna e da flora para o equilíbrio ecológico e para a continuação da nossa existência. Buscou-se conscientizar crianças e adolescentes da Escola Municipal Gilberto Rezende Rocha Filho, através do PIBIB UnirG, que só por meio da educação é possível mudar o homem quanto ao comportamento ambientalista, e para isso, é importante inserir a Educação Ambiental nas escolas públicas, desde os anos iniciais, para que o indivíduo perceba o valor que a natureza tem para a continuidade da vida. A metodologia utilizada foi por intermédio de pesquisa qualitativa - exploratória na cidade de Gurupi - Tocantins. O estudo baseou-se em Lisboa (2012) e Kindel (2012). Foi constatado, através de um questionário, que os alunos apresentaram conhecimento superficial sobre a importância da natureza em equilíbrio a nossa sobrevivência, devido a fatores sócio-históricos e também a uma baixa educação sobre a preservação do meio ambiente. O trabalho mostrou que a preocupação com questões ambientais também está presente na Literatura Portuguesa desde tempos remotos, como é possível perceber no autor realista Eça de Queiros (1902), no conto ENTRE A NEVE, em que ele narra os efeitos da extração dos recursos naturais sem o devido cuidado com sua renovação. O resultado obtido mostrou a falta de conscientização com o ecossistema e que o homem, devido sua ambição capitalista, invade áreas que precisam ser preservadas. Percebeu-se, para que ocorra o desenvolvimento sustentável, tem de haver consciência ambiental da sociedade como um todo. Os estudos têm demonstrado que a educação é o caminho certo a internalizar no homem, ações sustentáveis à continuação da vida no planeta. Palavras-chave: Educação Ambiental, Homem, Sustentabilidade.

2 2 THE OF WORKING THE ENVIRONMENTAL EDUCATION IN PRESCHOOL AT PUBLIC EDUCATION ABSTRACT The destruction of the environment, caused due to the advancement of the cities that grow without planning and the invasion of areas that should be preserved motivated the development of this research. To ensure the maintenance of fauna and flora for the ecological balance and to our continued existence. We sought to aware children and teenagers from the Public School Gilberto Rezende Rocha Filho, through PIBIB UNIRG program. Convince them that only through education we can change the man and the environmental behavior, and so is important to include environmental issues in school curriculum since from the kindergarten groups, so that the individual perceives the value that nature has for the continuity of life. The methodology used was through qualitative research - exploratory in Gurupi - Tocantins. The study based itself in Lisboa (2012) and Kindel (2012). It was identified through a questionnaire, that students had superficial knowledge about the importance of natural balance to our survival. It was due to socio-historical factors and a low education on environmental conservation. The research showed that concern for environmental issues is also present in Portuguese Literature from ancient times, as you can see in realist writer Eça de Queiros (1902), the story "ENTRE A NEVE" in which he write about the effects of the extraction of natural resources without care for their renewal. The result showed a lack of awareness with the ecosystem and that man, because its capitalist ambition, invades areas that need to be preserved. It was noticed, for sustainable development to occur, there must be environmental consciousness of society as a whole. Studies have shown that education is the right way to aware the about a sustainable continuation of life in the planet. Keywords: Environmental Education, human being, Sustainability. 1. INTRODUÇÃO O artigo apresenta alguns aspectos do crescimento urbano que causam prejuízos à natureza, devido à falta de cuidados com a preservação da biodiversidade, ocorrida desde a colonização do Brasil. Também apresenta algumas leis que estão relacionadas aos cuidados com o meio ambiente no sentido de coibir a depredação da natureza. A pesquisa foi desenvolvida com leituras bibliográficas, visitas em campo e foi trabalhada a Educação Ambiental (EA) na Escola Municipal Gilberto Rezende Rocha Filho, no município de Gurupi TO. Além disso, em sala foi demonstrado aos discentes que sempre existiram pessoas preocupadas com os recursos naturais e isto é possível perceber não só na vida real, como também na literatura.

3 3 Este texto busca mostrar o descaso com o meio ambiente ocorrido desde a colonização do Brasil e a situação atual com o desenvolvimento das cidades. Apresenta ainda o resultado alcançado com o trabalho feito na escola pública, em que foi enfatizada a dependência do homem com o equilíbrio da vida em adversidade na natureza. Para indicar a acuidade da inserção de práticas pedagógicas na educação que gerem ações e proporcione a preservação e o equilíbrio do meio ambiente com a contribuição da sociedade. 2. A COLONIZAÇÃO SEM SUSTENTABILIDADE O Brasil foi colonizado por europeus que exploraram a fauna, a flora e ao homem nativo sem a preocupação com as consequências às futuras gerações. A maioria das pessoas não muda suas ações para com o próximo ou para com a natureza. Elas continuam a destruir em busca de riquezas e poder. Não se conscientizam que os recursos naturais são finitos podendo provocar a extinção humana, visto que já existem animais, plantas, línguas, civilizações e tribos extintas. Segundo o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) o Brasil possui 17% d água doce do mundo, no entanto o país sofre com a seca na região Nordeste. Conforme noticiado no site Uou no ano de 2014 em São Paulo-SP, a população sofreu com a falta d água, o reservatório de distribuição ficou muito baixo devido à chuva ter sido insuficiente. Pode-se afirmar que o fato ocorreu por causa do grande desmatamento na floresta Amazônica e as queimadas frequentes em todo o país, o racionamento de água foi necessário ser feito pelos residentes da cidade. De acordo com a Organização das Nações Unidas (ONU), atualmente 48 países já estão sofrendo com a falta de água. 1,2 bilhões de pessoas vivem sem água potável. A previsão é que, em 2025, 40% da população mundial vai enfrentar este problema. Os problemas ambientais são muitos, desde a poluição da água, o descarte inapropriado do lixo, o desmatamento sem controle, até a extinção de plantas e de animais, dentre outros. 3. EDUCAÇÃO E LEGISLAÇÃO AMBIENTAL Segundo está descrito no Melhoramento Dicionário de Língua Portuguesa (1990. p.15 e p.104 ) educação é o desenvolvimento das faculdades do ser humano e

4 4 ambiental relativo à ambiente. Ambiente que envolve os corpos por todos os lados. Meio em que vivemos. Segundo a Constituição Federal de 1988, encontra-se o princípio relativo ao meio ambiente no art. 225, 3º. 3º. As condutas e atividades consideradas lesivas ao meio ambiente sujeitarão os infratores, pessoas físicas ou jurídicas, a sanções penais e administrativas, independentemente da obrigação de reparar os danos causados. (FIORILLO, 2006, p. 31). Como foi exposto acima existem leis que defendem a preservação dos recursos naturais e o indivíduo precisa aprender a como se portar para conservar e manter o meio em que vive. Ainda segundo o Texto Constitucional, artigo 225. Todos têm o direito ao meio ambiente ecologicamente equilibrado, bem de uso comum do povo e essencial a sadia qualidade de vida, impondo-se ao Poder Público e à coletividade o dever de defendê-lo e preservá-lo para as presentes e futuras gerações. (1998 apud FIORILLO et al, 2006, p 11) Definição legal de meio Ambiente Art. 3ª, I, da Lei n.6.938/81 (a Lei da Política Nacional do meio Ambiente): Art. 3ª Para fim previsto nesta Lei, entende-se por: I meio ambiente, o conjunto de condições, leis, influências e interações de ordem física, química e biológica, que permite abrigar e rege a vida em todas as suas formas. (FIORILLO. 2006, p.19) Contudo, o que foi apresentado percebe-se que está registrada em lei é o direito e dever do cidadão em sociedade preservar o meio ambiente no qual depende, porém para que ocorra o cumprimento da lei é preciso educar o homem para assim agir. 4. DESENVOLVIMENTO DO MUNICÍPIO DE GURUPI TOCANTINS Gurupi é uma palavra indígena e significa diamante negro, também é conhecida como a capital da amizade e está localizada a 245 km da capital Palmas, é a terceira maior cidade do estado do Tocantins em termo populacional. Segundo o (IBGE, 2013) sua população estima-se em habitantes. O crescimento econômico e a implantação dos centros universitários do município geram empregos e oportunidades para todos. Tendo em vista que indivíduos de todas as regiões vêm se instalar em busca

5 5 de formação universitária, e outros chegam para firmar residência e investir no município acarreta uma utilização inadequada dos recursos naturais. No setor Cajueiro, loteado como área particular as construções invadem as margens do manancial, os animais ali presentes estão perdendo seu espaço e é possível observar várias aves, inclusive o Beija flor (animal quase extinto), ver-se famílias de macacos e preás atravessarem as ruas. Muito lixo foi jogado no local próximo ao córrego junto às construções irregulares. Neste lugar são feitas fossas cépticas e flui água com um e meio a dois metros de profundidade. As águas das cisternas apresentam a cor alaranjada, nuance de ferrugem, acredita-se que esta coloração ocorre por causa do entulho descartado em local impróprio, não foram feitos exames para verificar o nível de contaminação da água. Os resíduos apresentam de tudo, desde embalagens de papel, plástico, vidros, mobílias, destroços de construções a cadáveres de animais. Já na divisa do córrego Pouso do meio encontra-se de um lado o setor Jardim da Luz originado por habitação irregular, no outro o bairro Jardim Tocantins surgiu como área particular. Na encosta do córrego há casas e uma tubulação de esgoto que o liga ao local de tratamento. No inverno as águas invadem algumas moradias, devido sua localização indevida. O loteamento Parque dos Buritis, é um setor novo existente há três anos, foi criado de uma área particular, onde se vê explícita falta de cuidado com o meio ambiente. Houve muito desmatamento em toda a área loteada e adjacente a represa há pouca vegetação demonstrando assim o descaso com os recursos naturais. Percebe-se que estão destruindo tudo sem calcular as consequências futuras e entende-se que visam somente o lucro financeiro. Algumas firmas da cidade promovem eventos para propagar-se a preservação dos recursos naturais. Contudo a prática dessas instituições na maioria das vezes contradiz com o que pregam. Sem contar que elas descartam os detritos de produtos que usam na empresa de modo inadequado. Outras lojas não permitem que funcionário junte papelão, isopor que são comprados por companhias de reciclagem preferem jogar no lixão da cidade. 5. APLICANDO EDUCAÇÃO AMBIENTAL NA SALA DE AULA

6 6 Pensando no que foi descrito percebeu-se a necessidade de se trabalhar a (EA) na educação básica, visando mudar os costumes da população. Segundo os estudos de Psicologia, Bock afirma. Aprendizagem é a conexão entre o estímulo e a resposta. Completada a aprendizagem, estímulo e resposta estão de tal modo unido, que o aparecimento do estímulo evoca a resposta. Bock (2001, p.150), ou seja, se trabalhar o homem em seu desenvolvimento físico e intelectual se alcançará a meta desejada. A criança aprende com facilidade, segundo estudos científicos, devido não ter as preocupações dos adultos. O estímulo deve acontecer em casa com a orientação dos pais e na sala de aula com o professor, para o educando desenvolver e emitir as respostas estimuladas no processo de ensino aprendizagem. E com o mesmo fim foi feito um trabalho na Escola Municipal Gilberto Rezende Rocha Filho através do PIBID/UNIRG. Buscou-se por meio de oficinas pedagógicas e interdisciplinaridade em Língua Portuguesa. Aplicar o conteúdo de Educação Ambiental (EA). Pretendeu-se ampliar o olhar dos discentes sobre a responsabilidade da humanidade com o ecossistema e seu equilíbrio. No primeiro instante foi trabalhado com as turmas 6ª A e B, e aplicado um questionário para diagnosticar o conhecimento dos aprendizes sobre o meio ambiente, com questões como: O que é Educação Ambiental? Qual a importância dos animais e das Florestas para o futuro da humanidade? Onde devemos jogar o lixo? O que você entende sobre sustentabilidade? O que você faz para contribuir com o meio ambiente? No segundo momento foi explicado o significado de educação ambiental e sustentabilidade. Além disso, foi mostrado o trabalho feito na cidade referente ao descuido do município com o meio ambiente, apresentou-se um banner com descrições e fotos dos setores investigados. Proporcionou-se assim aos estudantes a percepção dos locais pesquisados, propiciando-lhes a visão do que está ocorrendo ao seu redor. Houve interação com a turma. Eles fizeram perguntas que foram esclarecidas, em seguida foi aplicada outra atividade para analisar o que foi assimilado na aula. Em outra ocasião foi apresentado aos estudantes o conto ENTRE A NEVE de Eça de Queiroz executado em duas aulas. Em que ele relata a história de um lenhador que retira da floresta os recursos naturais para sua sobrevivência e de sua família sem sustentabilidade causando revolta no bosque que ceifa sua vida. O conto foi trabalhado com a turma do 6ª B, com a intenção de mostrar a preocupação do autor com o

7 7 equilíbrio ou a falta dele para com a vida e sua diversidade. Foi demonstrado aos estudantes que sempre existiram pessoas preocupados com a preservação do ecossistema e na atualidade também há e se não houver essa ação em sociedade a humanidade acabará como o lenhador, exterminado pela natureza ou pela falta dela. Ainda para que aconteça o ato eficaz ante ao problema é preciso à atitude ambientalista de todos. Após a explicação da narrativa foi aplicada atividade aos alunos criar um conto com o tema ENTRE O LIXO. O resultado foi surpreendente os docentes expressaram-se com a descrição de alguns textos com títulos como: A CIDADE CHEIA DE LIXO, A HUMANIDADE SEM AGUA LIMPA, O DESMATAMENTO DA FLORESTA, O HOMEM NO MEIO DO FOGO e outos. 6. MATERIAIS E MÉTODOS Adotou-se quanto ao procedimento técnico a pesquisa-ação, quanto à abordagem o estudo foi qualitativo e quanto ao objetivo caracterizou se como exploratório. A pesquisa foi realizada de maio a setembro de 2014 e ocorreu na Escola Gilberto Rezende Rocha Filho em Gurupi TO, nas turmas do 6ª A e do 6ª B do ensino fundamental. Nas rodas de estudo foram feitos os planejamentos de como aplicar o conteúdo além de pesquisar sobre o tema. Foram feitos estudos teóricos com livros e sites na internet, ocorreram visitas em campo com produções de fotografias que foram utilizadas nas oficinas por meio de interdisciplinaridade na disciplina de Língua Portuguesa: leitura, escrita e oralidade. Os dados foram coletados por meio de observações, material produzido por alunos, os resultados do questionário, a produção dos contos em que foram analisados a partir da aplicação das oficinas. Aplicadas em três etapas, buscou-se na primeira etapa realizar o diagnóstico, na segunda o desenvolvimento e na terceira a percepção dos educandos sobre a temática proposta, para obter-se o resultado desejado buscou-se seguir a proposta de Kindel e Lisboa (2012) e trabalhada com o espaço cedido pela escola. Para interpretação dos dados considerou-se o método de análise de conteúdo adquirido, a recepção e a observação de atitudes dos docentes durante a permanência na escola.

8 8 7. ANÁLISE DOS RESULTADOS O resultado obtido para diagnóstico comprovou carência no aprendizado dos alunos, em que se respondeu de modo superficial o questionário aplicado. Comprovouse a deficiência no conhecimento de (EA) e sustentabilidade, as crianças sabem que tem que jogar o lixo no lixo, contudo não praticam essa ação em sua vivência. Após explicar cada questão foi dada nova atividade similar a primeira e obteve-se um resultado positivo, em que foi adquirida a aprendizagem dos alunos sobre a (EA) e sustentabilidade trabalhada em sala. As respostas alcançadas após as explicações do segundo momento demonstraram melhora no aprendizado e no comportamento da turma. Sobre a produção do conto Entre o Lixo as crianças demonstraram criatividade e esperança para o futuro da humanidade. Entende-se, que o trabalho executado respondeu as expectativas. 8. CONSIDERAÇÕES FINAIS Entende-se, se a colonização do Brasil tivesse ocorrido com sustentabilidade, consciência ambiental e visando educar a população com um fim maior, não haveria a seca do Nordeste nem a necessidade de racionar água em São Paulo. Não seria necessário buscar métodos para educar o homem de hoje, que age de modo inconseqüente. Não ocorreria a destruição ambiental vista nos noticiários do país, nem haveria o desrespeito pelas leis ambientais e outras transgressões ocorrentes no cotidiano. Demonstra-se que existem leis ambientais, mas que não são suficientes para cumprir a finalidade imposta de proteção e preservação do meio ambiente. O autor não é contra o desenvolvimento das cidades, porém acredita que antes de se fazer o desmatamento nas áreas naturais, seja para moradia, plantação ou outra finalidade é necessário que sejam feitos estudos, que propendem a preservar a Fauna, a Flora e os mananciais. Porém, o que estar-se vendo é a destruição de todos os recursos naturais para criar novas moradias, Hidrelétricas nos Rios e outras ocorrências com a desculpa de desenvolvimento e na verdade a finalidade é adquirir mais capital. A tarefa da educação ambiental segundo Lindner (1996). A tarefa principal da Educação Ambiental é propor uma filosofia de trabalho em que a cultura que permeia os currículos escolares, nas diferentes disciplinas, organize o individuo em seu coletivo e o seu coletivo em sua

9 9 historia. Considerando essa afirmação, somente por meio de atividades que envolvam a comunidade por inteiro pode se desenvolver com sucesso um trabalho integrado de educação. Lindner (1996 apud Kindel et al. 2012, p. 39). Contudo que foi relatado é vista a necessidade e importância da Educação para desenvolvimento do homem e toda sociedade, contribuindo com todas as perspectivas possíveis da sua existência. Cabe à sociedade escolar com o apoio das autoridades em investimentos o papel básico da instrução ambiental, para que cada educando desenvolva uma atitude cidadã e a ajuste em sua comunidade. A pesquisa comprova que a educação é o caminho capaz de desenvolver o homem em todos os patamares possíveis, sem ela não há desenvolvimento social. A aprendizagem do ser humano tem inicio desde sua gestação no ventre da mãe deve ser orientada e segue nas varias fases da vida, se prolonga até a morte. Sabem-se as dificuldades encontradas nas escolas para se efetuar um trabalho de qualidade, mas, acredita-se na melhora do homem para a sobrevivência do homem. Através dos resultados alcançados percebe-se que por meio da Educação Ambiental trabalhada nas Escolas desde os primeiros anos se posa internalizar e provocar as ações para se obter os resultados desejados que proporcione as gerações futuras um planeta em equilíbrio e propicio a continuação da vida. Afirma-se por meio do trabalho, que através da educação o homem é capacitado a tornar-se sempre melhor consigo e com o mundo. 9. RECOMENDAÇÃO Sugere-se, que sejam feitas pesquisas e estudos mais amplo sobre o tema, visando o investimento em busca de efetivar uma pratica pedagógica que desenvolva o individuo e torne-o contribuinte com a continuação da vida no planeta. Que o resultado obtido sobre a temática, torne essa proposta eficaz na educação do país, para o bem estar de todos. Deseja-se que os governantes tenham o bom senso, haja com ética, empatia e respeitem os cidadãos os disponibilizando a saúde, educação e a eficiência dos serviços essenciais, para que todos tenham a chance de evoluir. Acredita-se, no homem como ser humano. Pois, se pensa que ser humano é ser bom e correto, individuo que se preocupa com o bem estar do próximo, contudo em beneficio da sociedade.

10 REFERÊNCIAS BOCK, Ana M. Bahia. Psicologias uma introdução a Psicologia. Ana Mercês Bahia B/ Odair Furtado /Maria de Lourdes Trassi Teixeira. Ed. Saraiva p 150 FAUNDEZ, Antonio. Educação, desenvolvimento e cultura: contradições, teorias e práticas / Antonio Faundez org.. São Paulo: Cortez, FIORILLO, Celso Antonio Pacheco. Curso de direito ambiental brasileiro / Celso Antonio Pacheco Fiorillo. 7 ed. erv., Atual. E ampl. São Paulo: Saraiva, LISBOA, Cassiano Pamplona; KINDELL, Eunice Aita Isaia [et al.]. Educação Ambiental: da teoria a prática. Porto Alegre: Mediação, racionamento-de-agua-a-partir-desta-sexta-diz-orgao.htm KINDELL, Eunice Aita Isaia; FABIANO, Weber da Silva; MICAELA, Yanina Educação Ambiental: Vários Olhares e Várias Práticas. 2ª ed. Curitiba - PR. Mediação QUEIROS, Eça de Civilização e outros Contos/ Eça de Queiros. Orientação pedagógica e nota de leitura Douglas Tufano 2. Ed. São Paulo; Moderna 2004 (coleção travessias) I. Portugueses I. Tufano, Douglas, 1948 II. Titulo. II. Serie. p.17 a 22 http: //www.rededasaguas.org.br/ fonte: acesso 01/08/2014 &search=tocantins gurupi estim fonte: acesso 01/08/ ANEXOS Imagem 1 do setor Cajueiro, crédito: Edivan 2014 Imagem 2 do setor Cajueiro, crédito: Edivan 2014

11 11 Imagem 3 do setor Jardim da Luz, crédito: Edivan 2014 Imagem 4 do setor Jardim da Luz, crédito: Edivan 2014 Imagem 5 do setor Parque dos Buritis, crédito: Edivan 2014 Imagem 6 do setor do Parque dos Buritis, crédito: Edivan 2014 Imagem 7 Escola Municipal Gilberto Rocha Filho, crédito: Edivan 2014 Imagem 8 trabalhando a Educação Ambiental 6ªB, crédito: Edivan 2014 Imagem 9 trabalhando a Educação Ambiental 6ªB, crédito: Edivan 2014 Imagem 10 trabalhando a Educação Ambiental 6ªA, crédito: Edivan 2014

12 12 Imagem 11 trabalhando a Educação Ambiental 6ªB, crédito: Edivan 2014 Imagem 12 Questionário aplicado em sala de aula, crédito: Edivan 2014 Imagem 13 os contos produzidos pelos alunos 6ªB, crédito: Edivan 2014

EDUCAÇÃO AMBIENTAL: UMA PROPOSTA DE PRESERVAÇÃO E CONSERVAÇÃO DO MEIO AMBIENTE

EDUCAÇÃO AMBIENTAL: UMA PROPOSTA DE PRESERVAÇÃO E CONSERVAÇÃO DO MEIO AMBIENTE EDUCAÇÃO AMBIENTAL: UMA PROPOSTA DE PRESERVAÇÃO E CONSERVAÇÃO DO MEIO AMBIENTE Hallyson Pontes Liberato Dias Universidade Estadual do Ceará, hallysondias16@hotmail.com RESUMO: Este estudo tem como proposta

Leia mais

NOSSO BAIRRO SEM POLUIÇÃO: REPENSAR HÁBITOS E ATITUDES, SENSIBILIZAR PARA UMA MELHOR QUALIDADE DE VIDA.

NOSSO BAIRRO SEM POLUIÇÃO: REPENSAR HÁBITOS E ATITUDES, SENSIBILIZAR PARA UMA MELHOR QUALIDADE DE VIDA. NOSSO BAIRRO SEM POLUIÇÃO: REPENSAR HÁBITOS E ATITUDES, SENSIBILIZAR PARA UMA MELHOR QUALIDADE DE VIDA. BERTON, Vânia Lúcia 1 Resumo: Este estudo foi desenvolvido através de um projeto de Educação Ambiental

Leia mais

A IMPORTÂNCIA DAS ÁREAS DE PRESERVAÇÃO PERMANETE (APP s)

A IMPORTÂNCIA DAS ÁREAS DE PRESERVAÇÃO PERMANETE (APP s) A IMPORTÂNCIA DAS ÁREAS DE PRESERVAÇÃO PERMANETE (APP s) Richard Antonio Souza Mesquita Tocantins - FACTO Murilo Ribeiro Brito Tocantins FACTO Adelzon Aires Marinho Tocantins FACTO Prof: Dr. Cid Tacaoca

Leia mais

EDUCAÇÃO AMBIENTAL NO PROCESSO DE LIMPEZA URBANA

EDUCAÇÃO AMBIENTAL NO PROCESSO DE LIMPEZA URBANA 2º Forum Internacional de Resíduos Sólidos julho2009 EDUCAÇÃO AMBIENTAL NO PROCESSO DE LIMPEZA URBANA Autores: Letícia de Oliveira Silveira, Licenciado em Ciências Biológicas pela Universidade Luterana

Leia mais

ANÁLISE DA PERCEPÇÃO AMBIENTAL DOS ALUNOS DE 6 AO 9 ANO EM UMA ESCOLA PARTICULAR NO MUNICIPIO DE TERESINA-PI

ANÁLISE DA PERCEPÇÃO AMBIENTAL DOS ALUNOS DE 6 AO 9 ANO EM UMA ESCOLA PARTICULAR NO MUNICIPIO DE TERESINA-PI Belo Horizonte/MG 24 a 27/11/2014 ANÁLISE DA PERCEPÇÃO AMBIENTAL DOS ALUNOS DE 6 AO 9 ANO EM UMA ESCOLA PARTICULAR NO MUNICIPIO DE TERESINA-PI Graciane Rodrigues Rocha (*), Juliana Rodrigues Rocha, Caroline

Leia mais

AVALIAÇÃO SOBRE A COLETA SELETIVA EM ESCOLAS MUNICIPAIS DE APUCARANA PR

AVALIAÇÃO SOBRE A COLETA SELETIVA EM ESCOLAS MUNICIPAIS DE APUCARANA PR AVALIAÇÃO SOBRE A COLETA SELETIVA EM ESCOLAS MUNICIPAIS DE APUCARANA PR MONARO, G.V 1 ; SILVA, C.V da 2. 1-Graduando em Ciências Biológicas na FAP- Faculdade de Apucarana 2-Mestre e docente da FAP- Faculdade

Leia mais

CARACTERIZAÇÃO DO BIOMA CAATINGA NA CONCEPÇÃO DE DISCENTES, DE UMA ESCOLA LOCALIZADA NO SEMIÁRIDO PARAIBANO.

CARACTERIZAÇÃO DO BIOMA CAATINGA NA CONCEPÇÃO DE DISCENTES, DE UMA ESCOLA LOCALIZADA NO SEMIÁRIDO PARAIBANO. CARACTERIZAÇÃO DO BIOMA CAATINGA NA CONCEPÇÃO DE DISCENTES, DE UMA ESCOLA LOCALIZADA NO SEMIÁRIDO PARAIBANO. OLIVEIRA, Mayara Cecile Nascimento¹-UEPB SILVA, Renata Lima Machado¹-UEPB CARLOS, Angélica Cardoso

Leia mais

A PRÁTICA DE ENSINO EM QUÍMICA: EDUCAÇÃO AMBIENTAL E SUSTENTABILIDADE COMO TEMA TRANSVERSAL

A PRÁTICA DE ENSINO EM QUÍMICA: EDUCAÇÃO AMBIENTAL E SUSTENTABILIDADE COMO TEMA TRANSVERSAL A PRÁTICA DE ENSINO EM QUÍMICA: EDUCAÇÃO AMBIENTAL E SUSTENTABILIDADE COMO TEMA TRANSVERSAL Ana Maria G. D. MENDONÇA 1, Darling L. PEREIRA 2,,José J. MENDONÇA 3, Aluska M. C. RAMOS 4 Maria S. B. DUARTE

Leia mais

O ESPAÇO RURAL e a EDUCAÇÃO AMBIENTAL

O ESPAÇO RURAL e a EDUCAÇÃO AMBIENTAL EDUCAÇÃO AMBIENTAL NO MEIO RURAL O ESPAÇO RURAL e a EDUCAÇÃO AMBIENTAL Luciano Gebler, MSc TESTE DE NIVELAMENTO 1 - O MEIO RURAL É : A - REGIÃO ONDE É FEITO O DESENVOLVIMENTO DE ATIVIDADES AGRÍCOLAS; B

Leia mais

FETREMIS-FACULDADE DE EDUCAÇÃO E TECNOLOGIA DA REGIÃO MISSIONÁRIA SIRLÉIA APARECIDA DE REZENDE SILVA

FETREMIS-FACULDADE DE EDUCAÇÃO E TECNOLOGIA DA REGIÃO MISSIONÁRIA SIRLÉIA APARECIDA DE REZENDE SILVA FETREMIS-FACULDADE DE EDUCAÇÃO E TECNOLOGIA DA REGIÃO MISSIONÁRIA SIRLÉIA APARECIDA DE REZENDE SILVA CONSCIENTIZAÇÃO E RESPONSABILIDADE SOCIAL Contagem-MG 2013 2 FETREMIS - FACULDADE DE EDUCAÇÃO E TECNOLOGIA

Leia mais

RESUMO: REPRESENTAÇÃO AMBIENTAL NO ENSINO FORMAL: A NECESSIDADE DE SENTIR-SE PARTE

RESUMO: REPRESENTAÇÃO AMBIENTAL NO ENSINO FORMAL: A NECESSIDADE DE SENTIR-SE PARTE RESUMO: REPRESENTAÇÃO AMBIENTAL NO ENSINO FORMAL: A NECESSIDADE DE SENTIR-SE PARTE Diante da necessidade de proporcionar uma reflexão sobre o tema Meio Ambiente no ensino formal, esse trabalho tem por

Leia mais

Penalidades No Meio Ambiental Florestal Por Agressões À Natureza.

Penalidades No Meio Ambiental Florestal Por Agressões À Natureza. Penalidades No Meio Ambiental Florestal Por Agressões À Natureza. Fernanda Ribeiro Silva, fernandaenge@yahoo.com.br, Graduanda em Engenharia Florestal na Universidade Federal de Lavras UFLA, Autora; Danusa

Leia mais

A IMPORTÂNCIA DA COMUNIDADE NO CONTEXTO EDUCACIONAL

A IMPORTÂNCIA DA COMUNIDADE NO CONTEXTO EDUCACIONAL A IMPORTÂNCIA DA COMUNIDADE NO CONTEXTO EDUCACIONAL SANTOS, Ananda Ribeiro dos Discente do Curso de Pedagogia da Faculdade de Ciências Sociais e Agrárias de Itapeva CERDEIRA, Valda Aparecida Antunes Docente

Leia mais

Palavra Chave: Educação Ambiental / Sustentabilidade / Consciência.

Palavra Chave: Educação Ambiental / Sustentabilidade / Consciência. EDUCAÇÃO AMBIENTAL NAS ESCOLAS: UMA ESTRATÉGIA DE MUDANÇA EFETIVA. Welersom Lopes Graduando 1º período de Gestão Ambiental Wellyda Bispo - Graduando 1º período de Gestão Ambiental Janaina Carvalho - Graduando

Leia mais

SUSTENTABILIDADE NO COTIDIANO ESCOLAR: Desafios da construção de uma proposta interdisciplinar

SUSTENTABILIDADE NO COTIDIANO ESCOLAR: Desafios da construção de uma proposta interdisciplinar SUSTENTABILIDADE NO COTIDIANO ESCOLAR: Desafios da construção de uma proposta interdisciplinar Mariely Rodrigues Anger 1 Ana Carla Ferreira Nicola Gomes 2 Jussara Aparecida da Fonseca 3 Resumo: Apresentam-se

Leia mais

X Encontro de Extensão

X Encontro de Extensão 5CCADCFSPEX01 Construindo novas relações: Projeto de Educação Ambiental com estudantes de ensino público na cidade de Areia - PB Jaciara Bomfim dos Santos (1); Thiago Bernardino de Sousa Castro (2); Josilene

Leia mais

Química Ambiental para Jovens e Adultos (EJA): Estratégias de ensino em busca da identidade ambiental

Química Ambiental para Jovens e Adultos (EJA): Estratégias de ensino em busca da identidade ambiental Química Ambiental para Jovens e Adultos (EJA): Estratégias de ensino em busca da identidade ambiental Patrícia Alves de Abreu e Sousa 1, Luciana Nobre de Abreu Ferreira Universidade Federal do Piauí, Centro

Leia mais

EDUCAÇÃO AMBIENTAL: UM ESTUDO NA ESCOLA MUNICIPAL DE TEMPO INTEGRAL VINÍCIUS DE MORAES EM PALMAS TO.

EDUCAÇÃO AMBIENTAL: UM ESTUDO NA ESCOLA MUNICIPAL DE TEMPO INTEGRAL VINÍCIUS DE MORAES EM PALMAS TO. EDUCAÇÃO AMBIENTAL: UM ESTUDO NA ESCOLA MUNICIPAL DE TEMPO INTEGRAL VINÍCIUS DE MORAES EM PALMAS TO. Aleister Sobrinho Fernandes¹ Dannilo Martins Gonçalves¹ Mayara Nascimento Trindade¹ Elizabeth Rodrigues

Leia mais

A ÁGUA COMO ELEMENTO VITAL UMA ATIVIDADE DE EDUCAÇÃO AMBIENTAL COM ALUNOS DO 5º ANO DA ESCOLA ESTADUAL DE ENSINO FUNDAMENTAL PIO XII.

A ÁGUA COMO ELEMENTO VITAL UMA ATIVIDADE DE EDUCAÇÃO AMBIENTAL COM ALUNOS DO 5º ANO DA ESCOLA ESTADUAL DE ENSINO FUNDAMENTAL PIO XII. A ÁGUA COMO ELEMENTO VITAL UMA ATIVIDADE DE EDUCAÇÃO AMBIENTAL COM ALUNOS DO 5º ANO DA ESCOLA ESTADUAL DE ENSINO FUNDAMENTAL PIO XII. Patricia Oliveira Crespo 1 Jane Schumacher 2 GT 3 (Modelos de Desenvolvimento,

Leia mais

PROJETO ESCOLA NO PARQUE: UM NOVO RUMO PARA A EDUCAÇÃO AMBIENTAL EM SÃO MIGUEL DO GUAMÁ-PARÁ

PROJETO ESCOLA NO PARQUE: UM NOVO RUMO PARA A EDUCAÇÃO AMBIENTAL EM SÃO MIGUEL DO GUAMÁ-PARÁ PROJETO ESCOLA NO PARQUE: UM NOVO RUMO PARA A EDUCAÇÃO AMBIENTAL EM SÃO MIGUEL DO GUAMÁ-PARÁ Luciano Furtado da Silva 1, Carina Gondim Pereira 1, Luciana Otoni de Souza 2, João da Silva Carneiro 3, Ronilson

Leia mais

Justificativa. Meio ambiente conforme o Dicionário Aurélio é aquilo que cerca ou envolve os seres vivos ou as coisas.

Justificativa. Meio ambiente conforme o Dicionário Aurélio é aquilo que cerca ou envolve os seres vivos ou as coisas. Justificativa Meio ambiente conforme o Dicionário Aurélio é aquilo que cerca ou envolve os seres vivos ou as coisas. A Escola de Ensino Fundamental Mondrian, fundada em 2011, começou suas atividades em

Leia mais

LEGISLAÇÃO AMBIENTAL E DIREITO: UM OLHAR SOBRE O ARTIGO 225 DA CONSTITUIÇÃO DA REPÚBLICA FEDERATIVA DO BRASIL

LEGISLAÇÃO AMBIENTAL E DIREITO: UM OLHAR SOBRE O ARTIGO 225 DA CONSTITUIÇÃO DA REPÚBLICA FEDERATIVA DO BRASIL LEGISLAÇÃO AMBIENTAL E DIREITO: UM OLHAR SOBRE O ARTIGO 225 DA CONSTITUIÇÃO DA REPÚBLICA FEDERATIVA DO BRASIL GOMES, Alessandro. alefot@bol.com.br Resumo: O texto que se segue parte de uma rápida passagem

Leia mais

REPRESENTAÇÃO SOCIAL DE MEIO AMBIENTE E EDUCAÇÃO AMBIENTAL NO ENSINO SUPERIOR

REPRESENTAÇÃO SOCIAL DE MEIO AMBIENTE E EDUCAÇÃO AMBIENTAL NO ENSINO SUPERIOR REPRESENTAÇÃO SOCIAL DE MEIO AMBIENTE E EDUCAÇÃO AMBIENTAL NO ENSINO SUPERIOR LUIZ, Cintya Fonseca; AMARAL, Anelize Queiroz & PAGNO, Sônia Fátima Universidade Estadual do Oeste do Paraná/Unioeste. cintya_fonseca@hotmail.com;

Leia mais

ÁGUA: VAMOS PRESERVAR PARA NÃO FALTAR - A IMPORTÂNCIA DA EDUCAÇÃO AMBIENTAL A PARTIR DAS SÉRIES INICIAIS DO ENSINO FUNDAMENTAL

ÁGUA: VAMOS PRESERVAR PARA NÃO FALTAR - A IMPORTÂNCIA DA EDUCAÇÃO AMBIENTAL A PARTIR DAS SÉRIES INICIAIS DO ENSINO FUNDAMENTAL ÁGUA: VAMOS PRESERVAR PARA NÃO FALTAR - A IMPORTÂNCIA DA EDUCAÇÃO AMBIENTAL A PARTIR DAS SÉRIES INICIAIS DO ENSINO FUNDAMENTAL MATA, Luana da. Graduanda de Pedagogia/ UEPB. luanadesenhodedeus@hotmail.com

Leia mais

EXPERIÊNCIAS ATIVIDADES DE EDUCAÇÃO AMBIENTAL EM ESCOLAS MUNICIPAIS DE COCOS (BA)

EXPERIÊNCIAS ATIVIDADES DE EDUCAÇÃO AMBIENTAL EM ESCOLAS MUNICIPAIS DE COCOS (BA) EXPERIÊNCIAS ATIVIDADES DE EDUCAÇÃO AMBIENTAL EM ESCOLAS MUNICIPAIS DE COCOS (BA) Miler Pereira Alves Urbanista, graduado pela Universidade do Estado da Bahia (2008.2). Especialista em Gestão Ambiental,

Leia mais

PERCEPÇÃO AMBIENTAL DAS CRIANÇAS NAS ESCOLAS DE ZONAS URBANAS E RURAIS DO MUNICIPIO DE PORTO VELHO

PERCEPÇÃO AMBIENTAL DAS CRIANÇAS NAS ESCOLAS DE ZONAS URBANAS E RURAIS DO MUNICIPIO DE PORTO VELHO www.revistaintertexto.com.br 1 PERCEPÇÃO AMBIENTAL DAS CRIANÇAS NAS ESCOLAS DE ZONAS URBANAS E RURAIS DO MUNICIPIO DE PORTO VELHO Resumo Iara Umbelino de Lima Odailson da Silva Xavier Paulo Henrique Soares

Leia mais

Projeto de Educação Ambiental no Centro Municipal de Ensino Fundamental José Nogueira de Moraes

Projeto de Educação Ambiental no Centro Municipal de Ensino Fundamental José Nogueira de Moraes Projeto de Educação Ambiental no Centro Municipal de Ensino Fundamental José Nogueira de Moraes Joe Henrique Tavares Gomes, Graduando de Licenciatura em Geografia; Universidade Federal de Mato Grosso;

Leia mais

REGISTRE SEUS DADOS ESCOLA: ALUNO: Prezados alunos e professores!

REGISTRE SEUS DADOS ESCOLA: ALUNO: Prezados alunos e professores! 1 Prezados alunos e professores! O livro Somos os Senhores do Planeta é fruto de um trabalho didático que tem por objetivo reunir em uma única publicação temas sobre o meio ambiente, são textos de fácil

Leia mais

PROPOSTA DE EDUCAÇÃO AMBIENTAL PARA A RPPN RESERVA PARTICULAR DE PATRIMÔNIO NATURAL MONTE SANTO

PROPOSTA DE EDUCAÇÃO AMBIENTAL PARA A RPPN RESERVA PARTICULAR DE PATRIMÔNIO NATURAL MONTE SANTO PROPOSTA DE EDUCAÇÃO AMBIENTAL PARA A RPPN RESERVA PARTICULAR DE PATRIMÔNIO NATURAL MONTE SANTO ARAÚJO, Wanessa Maria Santos CRISTINA, Izabel DIAS, Geiza Trindade SANTOS, Alciene Pereira dos RESUMO O atual

Leia mais

Escola e Meio ambiente: práticas e perspectivas na Escola Irma Diva Pimentel

Escola e Meio ambiente: práticas e perspectivas na Escola Irma Diva Pimentel Escola e Meio ambiente: práticas e perspectivas na Escola Irma Diva Pimentel Gislene dos Santos Alves 1 ;Maria José Jorge Machado 1 ;Gabriel Ramos da Fonseca 1 ; Romário Rosa de Sousa 2 1 Acadêmicos do

Leia mais

A CONTRIBUIÇÃO DO PROJETO MEIO AMBIENTE: CONSCIENTIZAR PARA PRESERVAR NO PROCESSO DE ENSINO APRENDIZAGEM NA ESCOLA EEEF ANTENOR NAVARRO

A CONTRIBUIÇÃO DO PROJETO MEIO AMBIENTE: CONSCIENTIZAR PARA PRESERVAR NO PROCESSO DE ENSINO APRENDIZAGEM NA ESCOLA EEEF ANTENOR NAVARRO A CONTRIBUIÇÃO DO PROJETO MEIO AMBIENTE: CONSCIENTIZAR PARA PRESERVAR NO PROCESSO DE ENSINO APRENDIZAGEM NA ESCOLA EEEF ANTENOR NAVARRO Natália Oliveira de Lima; Adjeane Farias da Silva; Thainá Marques

Leia mais

UMA PROPOSTA INTERDISCIPLINAR DE CONSCIENTIZAÇÃO SOBRE O LIXO INTEGRANDO: UNIVERSIDADE, ESCOLA E COMUNIDADE

UMA PROPOSTA INTERDISCIPLINAR DE CONSCIENTIZAÇÃO SOBRE O LIXO INTEGRANDO: UNIVERSIDADE, ESCOLA E COMUNIDADE UMA PROPOSTA INTERDISCIPLINAR DE CONSCIENTIZAÇÃO SOBRE O LIXO INTEGRANDO: UNIVERSIDADE, ESCOLA E COMUNIDADE Resumo COSTA, Josiane da 1 - UNILA ONOFRIO, Alvaro Barcellos 2 - UNILA Grupo de Trabalho - Educação

Leia mais

DESENVOLVIMENTO SUSTENTÁVEL E A GERAÇÃO DE ENERGIA ELÉTRICA A PARTIR DA TRANSFORMAÇÃO DE ENERGIA SOLAR

DESENVOLVIMENTO SUSTENTÁVEL E A GERAÇÃO DE ENERGIA ELÉTRICA A PARTIR DA TRANSFORMAÇÃO DE ENERGIA SOLAR DESENVOLVIMENTO SUSTENTÁVEL E A GERAÇÃO DE ENERGIA ELÉTRICA A PARTIR DA TRANSFORMAÇÃO DE ENERGIA SOLAR RESUMO: O estudo sobre o tema surge devido a importância no desenvolvimento sustentável para o planeta

Leia mais

Jovens cuidando do Brasil

Jovens cuidando do Brasil ação constitui uma parte da política dos três R reduzir, reutilizar e reciclar, depreende-se a necessidade de um trabalho com lixo que se inicie com uma revisão crítica dos hábitos e padrões de consumo.

Leia mais

ÁREA TEMÁTICA: OBJETIVOS:

ÁREA TEMÁTICA: OBJETIVOS: TÍTULO: CONHECENDO E PRESERVANDO O MEIO AMBIENTE AUTORES: Mintza Idesis Jácome (mintza@bol.com.br) INSTITUIÇÃO: UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO GRANDE DO NORTE ÁREA TEMÁTICA: Meio Ambiente OBJETIVOS: O Projeto

Leia mais

MEIO AMBIENTE E O JARDIM GEOMÉTRICO

MEIO AMBIENTE E O JARDIM GEOMÉTRICO MEIO AMBIENTE E O JARDIM GEOMÉTRICO Carla Bem PEREIRA 1 Carla Medeiros Roussenq LEAL 2 Daniele Lopes NETO 3 Josiane Piovezan PACHECO 4 Lara Nascimento de CAMPOS 5 RESUMO: O artigo apresenta a implantação

Leia mais

Seres vivos. Mensagens aos jovens. Proposta 1

Seres vivos. Mensagens aos jovens. Proposta 1 Mensagens aos jovens Nós, jovens, devemos nos organizar para a construção de projetos, em que possamos, juntos com a população e os órgãos responsáveis, nos responsabilizar pelo bem-estar do nosso patrimônio.

Leia mais

UNIVERSIDADE TUIUTI DO PARANÁ SILVIA XAVIER SORAIA XAVIER A IMPORTÂNCIA DE UTILIZAÇÃO DE MATERIAIS DIDÁTICOS NA EDUCAÇÃO AMBIENTAL

UNIVERSIDADE TUIUTI DO PARANÁ SILVIA XAVIER SORAIA XAVIER A IMPORTÂNCIA DE UTILIZAÇÃO DE MATERIAIS DIDÁTICOS NA EDUCAÇÃO AMBIENTAL 0 UNIVERSIDADE TUIUTI DO PARANÁ SILVIA XAVIER SORAIA XAVIER A IMPORTÂNCIA DE UTILIZAÇÃO DE MATERIAIS DIDÁTICOS NA EDUCAÇÃO AMBIENTAL CURITIBA 2014 1 SILVIA XAVIER SORAIA XAVIER A IMPORTÂNCIA DE UTILIZAÇÃO

Leia mais

USO RACIONAL DA ÁGUA NA AGRICULTURA

USO RACIONAL DA ÁGUA NA AGRICULTURA ASGAM Assessoria de Gestão Ambiental Companhia de Gestão dos Recursos Hídricos COGERH USO RACIONAL DA ÁGUA NA AGRICULTURA Marcos Dantas Gestão Ambiental Pós-graduando em Biodiversidade e Sustentabilidade

Leia mais

Título do Projeto: Recuperação de uma Área Degradada a partir da Agroecologia, no Município de Teresópolis, Região Serrana do Rio de Janeiro.

Título do Projeto: Recuperação de uma Área Degradada a partir da Agroecologia, no Município de Teresópolis, Região Serrana do Rio de Janeiro. PROJETO DE PESQUISA CIENTÍFICA Título do Projeto: Recuperação de uma Área Degradada a partir da Agroecologia, no Município de Teresópolis, Região Serrana do Rio de Janeiro. Linha de Pesquisa a que se vincula:

Leia mais

DESENVOLVIMENTO SUSTENTÁVEL: DIREITO FUNDAMENTAL AO SER HUMANO

DESENVOLVIMENTO SUSTENTÁVEL: DIREITO FUNDAMENTAL AO SER HUMANO 1 DESENVOLVIMENTO SUSTENTÁVEL: DIREITO FUNDAMENTAL AO SER RESUMO HUMANO Luísa Arnold 1 Trata-se de uma apresentação sobre a preocupação que o homem adquiriu nas últimas décadas em conciliar o desenvolvimento

Leia mais

A IMPORTÂNCIA DA FERRAMENTA DA EDUCAÇÃO AMBIENTAL NA GESTÃO DE RESÍDUOS SÓLIDOS DO CAMPUS UNIVERSITÁRIO DE POMBAL

A IMPORTÂNCIA DA FERRAMENTA DA EDUCAÇÃO AMBIENTAL NA GESTÃO DE RESÍDUOS SÓLIDOS DO CAMPUS UNIVERSITÁRIO DE POMBAL A IMPORTÂNCIA DA FERRAMENTA DA EDUCAÇÃO AMBIENTAL NA GESTÃO DE RESÍDUOS SÓLIDOS DO CAMPUS UNIVERSITÁRIO DE POMBAL Erica Bento SARMENTO 1 Diêgo Lima CRISPIM 2 Jucielio Calado ALVES 3 Alan Del Carlos Gomes

Leia mais

A ÉTICA E O DESENVOLVIMENTO SUSTENTÁVEL SOB A ÓTICA DAS ORGANIZAÇÕES

A ÉTICA E O DESENVOLVIMENTO SUSTENTÁVEL SOB A ÓTICA DAS ORGANIZAÇÕES A ÉTICA E O DESENVOLVIMENTO SUSTENTÁVEL SOB A ÓTICA DAS ORGANIZAÇÕES Ítalo Camilo da Silva Nogueira Mestrando em Desenvolvimento Regional (mídias sociais), docente na Faculdade Nossa Senhora Aparecida/FANAP-GO.

Leia mais

ESCOLA SUSTENTÁVEL: AÇÕES PARA A CONSCIENTIZAÇÃO EM UMA ESCOLA ESTADUAL ATRAVÉS DO PROJETO ECOLÓGICA

ESCOLA SUSTENTÁVEL: AÇÕES PARA A CONSCIENTIZAÇÃO EM UMA ESCOLA ESTADUAL ATRAVÉS DO PROJETO ECOLÓGICA ESCOLA SUSTENTÁVEL: AÇÕES PARA A CONSCIENTIZAÇÃO EM UMA ESCOLA ESTADUAL ATRAVÉS DO PROJETO ECOLÓGICA Aline Carla dos Santos Moraes Marinho (*), Welinton Coelho da Silva * Secretaria de Estado de Educação

Leia mais

DESTINO DOS RESÍDUOS SÓLIDOS E LEGISLAÇÃO SOBRE O TEMA

DESTINO DOS RESÍDUOS SÓLIDOS E LEGISLAÇÃO SOBRE O TEMA DESTINO DOS RESÍDUOS SÓLIDOS E LEGISLAÇÃO SOBRE O TEMA ILÍDIA DA A. G. MARTINS JURAS Consultora Legislativa da Área XI Meio Ambiente e Direito Ambiental, Organização Territorial, Desenvolvimento Urbano

Leia mais

EDUCAÇÃO AMBIENTAL NA REGIÃO DA ÁREA DE PROTEÇÃO DA BALEIA FRANCA (Eubalaena australis) VISANDO A PRESERVAÇÃO DO MEIO AMBIENTE COMO UM TODO.

EDUCAÇÃO AMBIENTAL NA REGIÃO DA ÁREA DE PROTEÇÃO DA BALEIA FRANCA (Eubalaena australis) VISANDO A PRESERVAÇÃO DO MEIO AMBIENTE COMO UM TODO. EDUCAÇÃO AMBIENTAL NA REGIÃO DA ÁREA DE PROTEÇÃO DA BALEIA FRANCA (Eubalaena australis) VISANDO A PRESERVAÇÃO DO MEIO AMBIENTE COMO UM TODO. Godinho, G.M.S.¹; Pontalti, M.¹ 1-Instituto Baleia Franca (IBF)

Leia mais

CONCEPÇÕES SOBRE CERRADO 1 LEICHTWEIS, Kamila Souto 2 TIRADENTES, Cibele Pimenta 3 INTRODUÇÃO

CONCEPÇÕES SOBRE CERRADO 1 LEICHTWEIS, Kamila Souto 2 TIRADENTES, Cibele Pimenta 3 INTRODUÇÃO CONCEPÇÕES SOBRE CERRADO 1 LEICHTWEIS, Kamila Souto 2 TIRADENTES, Cibele Pimenta 3 INTRODUÇÃO A educação ambiental envolve atividades educativas que visam informar sobre o meio ambiente e suas relações.

Leia mais

DALZOTTO, Edilaine & CARNIATTO, Irene Grupo de Pesquisa Monitoramento e Preservação de Ecossistemas, Ciências Biológicas UNIOESTE, Cascavel, PR

DALZOTTO, Edilaine & CARNIATTO, Irene Grupo de Pesquisa Monitoramento e Preservação de Ecossistemas, Ciências Biológicas UNIOESTE, Cascavel, PR EDUCAÇÃO AMBIENTAL: ATIVIDADES DE PERCEPÇÃO E INSTRUÇÃO PARA A PRESERVAÇÃO DE NASCENTES EM ÁREAS DEGRADADAS UM DESAFIO PRA CONSTRUÇÃO DA AGENDA 21 LOCAL DALZOTTO, Edilaine & CARNIATTO, Irene Grupo de Pesquisa

Leia mais

NÍVEL DE SENSIBILIZAÇÃO AMBIENTAL NO CMEI - CENTRO MUNICIPAL DE EDUCAÇÃO INFANTIL - RECANTO INFANTIL EM PALMAS-TO

NÍVEL DE SENSIBILIZAÇÃO AMBIENTAL NO CMEI - CENTRO MUNICIPAL DE EDUCAÇÃO INFANTIL - RECANTO INFANTIL EM PALMAS-TO NÍVEL DE SENSIBILIZAÇÃO AMBIENTAL NO CMEI - CENTRO MUNICIPAL DE EDUCAÇÃO INFANTIL - RECANTO INFANTIL EM PALMAS-TO ARAÚJO, Wanessa Maria Santos DIAS, Geiza Trindade TALEVI, Vanessa Ferreira SANTOS, Rafael

Leia mais

Uma Ação Extensionista em Construção Frente ao Problema do Lixo Produzido num Campus Universitário 1

Uma Ação Extensionista em Construção Frente ao Problema do Lixo Produzido num Campus Universitário 1 Uma Ação Extensionista em Construção Frente ao Problema do Lixo Produzido num Campus Universitário 1 Vinícius Augusto Morais, 9º módulo de Engenharia Florestal/UFLA, vemorais@bol.com.br; Kelly Lopes Silva,

Leia mais

EDUCAÇÃO AMBIENTAL E MEIO RURAL: Análise curricular

EDUCAÇÃO AMBIENTAL E MEIO RURAL: Análise curricular EDUCAÇÃO AMBIENTAL E MEIO RURAL: Análise curricular Vanessa Minuzzi Bidinoto 1 Viviane Dal-Souto Frescura 2 Aline Pegoraro 3 Resumo: O presente trabalho buscou provocar reflexões sobre a importância da

Leia mais

A TEMÁTICA ÁGUA ABORDADA ATRAVÉS DE SEQUÊNCIAS DE ENSINO-APRENDIZAGEM

A TEMÁTICA ÁGUA ABORDADA ATRAVÉS DE SEQUÊNCIAS DE ENSINO-APRENDIZAGEM A TEMÁTICA ÁGUA ABORDADA ATRAVÉS DE SEQUÊNCIAS DE ENSINO-APRENDIZAGEM Souza, T.G.S. (1) ; Verçosa, C.J. (2) ; Moura, D.B. (1) ; Silva Filho, T. P. (1) ; Almeida, W.M. (1) ; Neves, R.F. (1) talitagiselly@hotmail.com

Leia mais

Endereço: Rua Max de Vasconcelos, n 270, Parque Leopoldina Campos dos Goytacazes RJ Telefone: (22) 9829-6934 mail: ramonfisicacefet@yahoo.com.

Endereço: Rua Max de Vasconcelos, n 270, Parque Leopoldina Campos dos Goytacazes RJ Telefone: (22) 9829-6934 mail: ramonfisicacefet@yahoo.com. IDENTIFICAÇÃO DOS PONTOS DE ACÚMULO DE RDC (RESÍDUO DE DEMOLIÇÃO E CONSTRUÇÃO) EM ÁREAS DE RISCO AMBIENTAL NA CIDADE DE CAMPOS DOS GOYTACAZES: AVALIAÇÃO DOS RISCOS E PROPOSIÇÃO DE MEDIDAS MITIGADORAS.

Leia mais

Meio ambiente conforme o Dicionário Aurélio é aquilo que cerca ou envolve os seres vivos ou as coisas.

Meio ambiente conforme o Dicionário Aurélio é aquilo que cerca ou envolve os seres vivos ou as coisas. Justificativa Meio ambiente conforme o Dicionário Aurélio é aquilo que cerca ou envolve os seres vivos ou as coisas. A Escola de Ensino Fundamental Mondrian, fundada em 2011, começou suas atividades em

Leia mais

AS UNIDADES DE CONSERVAÇÃO SOB A PERCEPÇÃO DOS ALUNOS DO ENSINO MÉDIO DE SÃO JOSÉ DOS CORDEIROS PB

AS UNIDADES DE CONSERVAÇÃO SOB A PERCEPÇÃO DOS ALUNOS DO ENSINO MÉDIO DE SÃO JOSÉ DOS CORDEIROS PB 103 AS UNIDADES DE CONSERVAÇÃO SOB A PERCEPÇÃO DOS ALUNOS DO ENSINO MÉDIO DE SÃO JOSÉ DOS CORDEIROS PB Azenate Campos GOMES¹ Alecksandra Vieira de LACERDA² Maria da Glória Lopes FRAGOSO³ João Paulo Pereira

Leia mais

Profa. Margarita Ma. Dueñas O. margarita.unir@gmail.com

Profa. Margarita Ma. Dueñas O. margarita.unir@gmail.com Profa. Margarita Ma. Dueñas O. margarita.unir@gmail.com Meio ambiente é o conjunto de condições, leis, influências e interações de ordem física, química e biológica, que permite, abriga e rege a vida em

Leia mais

Pré-teste do Jogo de Trilha - Lixo Amigo: ensino didático da responsabilidade social e ambiental

Pré-teste do Jogo de Trilha - Lixo Amigo: ensino didático da responsabilidade social e ambiental Pré-teste do Jogo de Trilha - Lixo Amigo: ensino didático da responsabilidade social e ambiental Pre-test of the track game - friendly garbage: didatic teaching of social and environmental responsability

Leia mais

EDUCAÇÃO AMBIENTAL A PARTIR DO LÚDICO NO ENSINO DE CIÊNCIAS

EDUCAÇÃO AMBIENTAL A PARTIR DO LÚDICO NO ENSINO DE CIÊNCIAS EDUCAÇÃO AMBIENTAL A PARTIR DO LÚDICO NO ENSINO DE CIÊNCIAS Oliveira, C.S.P. (1) ; Barbosa, R.F.M. (1) ; Maknamara, M. (1) sarinhac.s@hotmail.com (1) Aluna do Curso de Graduação em Ciências Biológicas,

Leia mais

PRESERVAÇÃO AMBIENTAL

PRESERVAÇÃO AMBIENTAL PRESERVAÇÃO AMBIENTAL Mensagem do Ministério Público do Estado de Goiás O Ministério Público do Estado de Goiás MPGO tem a missão de defender a ordem jurídica, o regime democrático e os interesses sociais

Leia mais

O terceiro passo foi a construção e análise de gráfico Produção de lixo doméstico por residência:

O terceiro passo foi a construção e análise de gráfico Produção de lixo doméstico por residência: Consumo, lixo e Cidadania Alunos do 8º ano aprofundam estudo do tema nas aulas de Geografia O projeto interdisciplinar Consumo, lixo e cidadania, que vem sendo desenvolvido com as turmas de 8º ano, está

Leia mais

FIC SEM LIXO - Projeto de Educação Ambiental desenvolvido na Escola Estadual Professor Francisco Ivo Cavalcanti em Natal/RN

FIC SEM LIXO - Projeto de Educação Ambiental desenvolvido na Escola Estadual Professor Francisco Ivo Cavalcanti em Natal/RN FIC SEM LIXO - Projeto de Educação Ambiental desenvolvido na Escola Estadual Professor Francisco Ivo Cavalcanti em Natal/RN Brenda Luíza Patriota Lima e Silva¹ André Elias Nóbrega² João Batista dos Santos³

Leia mais

LEGISLAÇÃO SOBRE RECICLAGEM DO LIXO

LEGISLAÇÃO SOBRE RECICLAGEM DO LIXO LEGISLAÇÃO SOBRE RECICLAGEM DO LIXO ILIDIA DA A. G. MARTINS JURAS Consultora Legislativa da Área XI Meio Ambiente e Direito Ambiental, Organização Territorial, Desenvolvimento Urbano e Regional DEZEMBRO/2000

Leia mais

Serão distribuídos: Para os professores: Cinco módulos temáticos e um caderno de atividades. Para os alunos: um caderno de atividades.

Serão distribuídos: Para os professores: Cinco módulos temáticos e um caderno de atividades. Para os alunos: um caderno de atividades. professor Serão distribuídos: Para os professores: Cinco módulos temáticos e um caderno de atividades. Para os alunos: um caderno de atividades. Também serão produzidos, dentro de sala de aula, cartazes

Leia mais

Prefeitura Municipal de Santos ESTÂNCIA BALNEÁRIA SECRETARIA DE EDUCAÇÃO DEPARTAMENTO PEDAGÓGICO

Prefeitura Municipal de Santos ESTÂNCIA BALNEÁRIA SECRETARIA DE EDUCAÇÃO DEPARTAMENTO PEDAGÓGICO Prefeitura Municipal de Santos ESTÂNCIA BALNEÁRIA SECRETARIA DE EDUCAÇÃO DEPARTAMENTO PEDAGÓGICO Equipe Interdisciplinar Módulo II Ciclo I Ensino Fundamental e Educação de Jovens e Adultos Santos 2003

Leia mais

DIAGNÓSTICO AMBIENTAL COMO FERRAMENTA PARA INTRODUÇÃO DE NOVAS PRÁTICAS NA COLETA DE RESÍDUOS SÓLIDOS RESIDENCIAIS

DIAGNÓSTICO AMBIENTAL COMO FERRAMENTA PARA INTRODUÇÃO DE NOVAS PRÁTICAS NA COLETA DE RESÍDUOS SÓLIDOS RESIDENCIAIS DIAGNÓSTICO AMBIENTAL COMO FERRAMENTA PARA INTRODUÇÃO DE NOVAS PRÁTICAS NA COLETA DE RESÍDUOS SÓLIDOS RESIDENCIAIS Lígia Maria Ribeiro Lima Universidade Estadual da Paraíba ligiauepb@gmail.com Isabel Thais

Leia mais

Revista Educação Agrícola Superior Associação Brasileira de Educação Agrícola Superior - ABEAS - v.25, n.2, p.79-83, 2010.

Revista Educação Agrícola Superior Associação Brasileira de Educação Agrícola Superior - ABEAS - v.25, n.2, p.79-83, 2010. Revista Educação Agrícola Superior Associação Brasileira de Educação Agrícola Superior - ABEAS - v.25, n.2, p.79-83, 2010. EDUCAÇÃO AMBIENTAL NA EDUCAÇÃO DE JOVENS E ADULTOS EM CACHOEIRA DOS ÍNDIOS-PB

Leia mais

PRATICANDO OS 3R s. 1. Introdução

PRATICANDO OS 3R s. 1. Introdução PRATICANDO OS 3R s América SANTIAGO 1 Barbara Baumgarten Baião PEREIRA 2 Faida Denise RODRIGUES 3 Patrícia Cardoso BRÍGIDO 2 Thaise Domingos Martins de SOUZA 1 Tamires CEOLIN 1 RESUMO: Este artigo tem

Leia mais

P R E F E I T U R A M U N I C I P A L D E B A U R U E s t a d o d e S ã o P a u l o S E C R E T A R I A D A E D U C A Ç Ã O

P R E F E I T U R A M U N I C I P A L D E B A U R U E s t a d o d e S ã o P a u l o S E C R E T A R I A D A E D U C A Ç Ã O P R E F E I T U R A M U N I C I P A L D E B A U R U E s t a d o d e S ã o P a u l o S E C R E T A R I A D A E D U C A Ç Ã O E. M. E. F. P R O F ª. D I R C E B O E M E R G U E D E S D E A Z E V E D O P

Leia mais

vídeo Sociedade sustentabilidade consumo campanha ecológico meio ambiente mudança empresa blog Política consciente construção ambiental evento

vídeo Sociedade sustentabilidade consumo campanha ecológico meio ambiente mudança empresa blog Política consciente construção ambiental evento SUSTENTABILIDADE vídeo ambiental cultura Brasil poluição casa construção Política Sociedade blog campanha ecológico meio ambiente mudança ativismo mundo projeto plástico debate consciente bom lixo verde

Leia mais

EDUCAÇÃO AMBIENTAL: O QUE PENSAM E FAZEM OS PROFESSORESDE UMA ESCOLA PÚBLICA NO NORTE DO PARANÁ

EDUCAÇÃO AMBIENTAL: O QUE PENSAM E FAZEM OS PROFESSORESDE UMA ESCOLA PÚBLICA NO NORTE DO PARANÁ EDUCAÇÃO AMBIENTAL: O QUE PENSAM E FAZEM OS PROFESSORESDE UMA ESCOLA PÚBLICA NO NORTE DO PARANÁ Giovana Candido dos Santos (PICV), Thalita Toledo de Oliveira, Amanda Lipinski Fernandes Maciel, Jorge Sobral

Leia mais

A EDUCAÇÃO AMBIENTAL NA ESCOLA PERMEIA MUDANÇAS DE ATITUDES NA SOCIEDADE

A EDUCAÇÃO AMBIENTAL NA ESCOLA PERMEIA MUDANÇAS DE ATITUDES NA SOCIEDADE A EDUCAÇÃO AMBIENTAL NA ESCOLA PERMEIA MUDANÇAS DE ATITUDES NA SOCIEDADE INTRODUÇÃO José Izael Fernandes da Paz UEPB joseizaelpb@hotmail.com Esse trabalho tem um propósito particular pertinente de abrir

Leia mais

4º SEMINÁRIO REGIONAL SUL DE RESÍDUOS SÓLIDOS PROGRAMA LIXO NOSSO DE CADA DIA

4º SEMINÁRIO REGIONAL SUL DE RESÍDUOS SÓLIDOS PROGRAMA LIXO NOSSO DE CADA DIA 4º SEMINÁRIO REGIONAL SUL DE RESÍDUOS SÓLIDOS PROGRAMA LIXO NOSSO DE CADA DIA Daniela Kramer Frassetto Assessora de Gabinete CME/MPSC cme@mpsc.mp.br Realidade do Planeta e do Brasil A manutenção do aumento

Leia mais

A ESCOLA: PRINCIPAL FERRAMENTA NA FORMAÇÃO DE UMA CONSCIENCIA COLETIVA VOLTADA PARA UMA VIDA SUSTENTÁVEL

A ESCOLA: PRINCIPAL FERRAMENTA NA FORMAÇÃO DE UMA CONSCIENCIA COLETIVA VOLTADA PARA UMA VIDA SUSTENTÁVEL A ESCOLA: PRINCIPAL FERRAMENTA NA FORMAÇÃO DE UMA CONSCIENCIA COLETIVA VOLTADA PARA UMA VIDA SUSTENTÁVEL Islanny Alvino Leite 1 Aécio Melo de Morais 2 Kely Dayane Silva do Ó 1 Clarany Alvino Leite 3 RESUMO:

Leia mais

O princípio da precaução de o princípio da prevenção do direito ambiental

O princípio da precaução de o princípio da prevenção do direito ambiental 132 O princípio da precaução de o princípio da prevenção do direito ambiental (The precautionary principle and the principle of prevention of environmental law) Camila Andréia Silva Maestro 1 ; Patrícia

Leia mais

ENSINO DE QUÍMICA: VIVÊNCIA DOCENTE E ESTUDO DA RECICLAGEM COMO TEMA TRANSVERSAL

ENSINO DE QUÍMICA: VIVÊNCIA DOCENTE E ESTUDO DA RECICLAGEM COMO TEMA TRANSVERSAL ENSINO DE QUÍMICA: VIVÊNCIA DOCENTE E ESTUDO DA RECICLAGEM COMO TEMA TRANSVERSAL MENDONÇA, Ana Maria Gonçalves Duarte. Universidade Federal de Campina Grande. E-mail: Ana.duartemendonca@gmail.com RESUMO

Leia mais

Especialização em Direito Ambiental. 3. As principais funções das matas ciliares são:

Especialização em Direito Ambiental. 3. As principais funções das matas ciliares são: Pedro da Cunha Barbosa. Especialização em Direito Ambiental. Área do conhecimento jurídico que estuda as relações entre o homem e a natureza, é um ramo do direito diferenciado em suas especificidades e,

Leia mais

O PODER DE INFLUÊNCIA DOS MEIOS DE COMUNICAÇÃO NA VIDA DAS CRIANÇAS. Resumo. Abstract 1. INTRODUÇÃO

O PODER DE INFLUÊNCIA DOS MEIOS DE COMUNICAÇÃO NA VIDA DAS CRIANÇAS. Resumo. Abstract 1. INTRODUÇÃO O PODER DE INFLUÊNCIA DOS MEIOS DE COMUNICAÇÃO NA VIDA DAS CRIANÇAS CRUZ, Amanda Janaina da Silva Discente do Curso de Pedagogia da Faculdade de Ciências Sociais e Agrárias de Itapeva KAULFUSS, Marco Aurélio

Leia mais

Nosso Território: Ecossistemas

Nosso Território: Ecossistemas Nosso Território: Ecossistemas - O Brasil no Mundo - Divisão Territorial - Relevo e Clima - Fauna e Flora - Ecossistemas - Recursos Minerais Um ecossistema é um conjunto de regiões com características

Leia mais

PERCEPÇÃO AMBIENTAL DE HABITANTE DO MUNICÍPIO DE SÃO GABRIEL-RS ENVIRONMENTAL PERCEPTION FROM THE CITY OF SÃO GABRIEL-RS'S HABITANTS

PERCEPÇÃO AMBIENTAL DE HABITANTE DO MUNICÍPIO DE SÃO GABRIEL-RS ENVIRONMENTAL PERCEPTION FROM THE CITY OF SÃO GABRIEL-RS'S HABITANTS Eixo Temático: Inovação e Sustentabilidade PERCEPÇÃO AMBIENTAL DE HABITANTE DO MUNICÍPIO DE SÃO GABRIEL-RS RESUMO ENVIRONMENTAL PERCEPTION FROM THE CITY OF SÃO GABRIEL-RS'S HABITANTS Ana Paula Fleig Saidelles,

Leia mais

3º Congresso Internacional de Tecnologias para o Meio Ambiente. Bento Gonçalves RS, Brasil, 25 a 27 de Abril de 2012

3º Congresso Internacional de Tecnologias para o Meio Ambiente. Bento Gonçalves RS, Brasil, 25 a 27 de Abril de 2012 A oficina Árvores Frutíferas como instrumento no desenvolvimento da Educação Ambiental Roberta Marques 1, Mara Lisiane Tissot-Squalli Houssaini 2 1 Graduanda em Ciências Biológicas/ UNIJUI/ Bolsista PET/SESu/MEC

Leia mais

ANALISE DO COMPORTAMENTO SOCIOAMBIENTAL DAS MICRO E PEQUENAS EMPRESAS DE PALMAS

ANALISE DO COMPORTAMENTO SOCIOAMBIENTAL DAS MICRO E PEQUENAS EMPRESAS DE PALMAS ANALISE DO COMPORTAMENTO SOCIOAMBIENTAL DAS MICRO E PEQUENAS EMPRESAS DE PALMAS XAVIER, Patrícia Alves Santana LIMA, Suzany Saraiva GOMES, Alan Rios RESUMO O presente estudo teve como objetivo analisar

Leia mais

Centro Educacional Linus Pauling

Centro Educacional Linus Pauling Centro Educacional Linus Pauling Projeto 2º SEmestre 2012 APRESENTAÇÃO Faz-se necessário entender que o equilíbrio da natureza é essencial para a vida na terra, e que atualmente a preocupação com a degradação

Leia mais

MEIO AMBIENTE E SUSTENTABILIDADE

MEIO AMBIENTE E SUSTENTABILIDADE MEIO AMBIENTE E SUSTENTABILIDADE Sustentabilidade significa permanecer vivo. Somos mais de 7 bilhões de habitantes e chegaremos a 9 bilhões em 2050, segundo a ONU. O ambiente tem limites e é preciso fazer

Leia mais

A INSERÇÃO DO PIBID NA FORMAÇÃO DOCENTE NO CURSO DE LICENCIATURA EM EDUCAÇÃO DO CAMPO DA UFCG

A INSERÇÃO DO PIBID NA FORMAÇÃO DOCENTE NO CURSO DE LICENCIATURA EM EDUCAÇÃO DO CAMPO DA UFCG A INSERÇÃO DO PIBID NA FORMAÇÃO DOCENTE NO CURSO DE LICENCIATURA EM EDUCAÇÃO DO CAMPO DA UFCG Andréa Augusta de Morais Ramos 1 /UFCG-CDSA - andreaedu.15@gmail.com Fabiano Custódio de Oliveira 2 /UFCG-CDSA

Leia mais

PRO INFANTIL PROGRAMA DE FORMAÇÃO INICIAL PARA PROFESSORES EM EXERCÍCIO NA EDUCAÇÃO INFANTIL

PRO INFANTIL PROGRAMA DE FORMAÇÃO INICIAL PARA PROFESSORES EM EXERCÍCIO NA EDUCAÇÃO INFANTIL PRO INFANTIL PROGRAMA DE FORMAÇÃO INICIAL PARA PROFESSORES EM EXERCÍCIO NA EDUCAÇÃO INFANTIL A IMPORTÂNCIA DO TRABALHO PARA CONSERVAÇÃO AMBIENTAL NA EDUCAÇÃO INFANTIL CASOS DA EDUCAÇÃO INFANTIL NA BAHIA

Leia mais

Fundação Carmelitana Mário Palmério - FUCAMP Faculdade de Ciências Humanas e Sociais - FACIHUS Educação de qualidade ao seu alcance

Fundação Carmelitana Mário Palmério - FUCAMP Faculdade de Ciências Humanas e Sociais - FACIHUS Educação de qualidade ao seu alcance SUBPROJETO DE LETRAS PORTUGUÊS/ESPANHOL O ensino da língua espanhola no contexto da escola pública INTRODUÇÃO Este plano procura articular-se de forma integrada com o plano de trabalho institucional, que

Leia mais

PERCEPÇÃO DOS PROBLEMAS AMBIENTAIS VISTOS PELA COMUNIDADE ESCOLAR DO PROJOVEM CAMPO - SABERES DA TERRA MUNICÍPIO DE AREIA-PB

PERCEPÇÃO DOS PROBLEMAS AMBIENTAIS VISTOS PELA COMUNIDADE ESCOLAR DO PROJOVEM CAMPO - SABERES DA TERRA MUNICÍPIO DE AREIA-PB PERCEPÇÃO DOS PROBLEMAS AMBIENTAIS VISTOS PELA COMUNIDADE ESCOLAR DO PROJOVEM CAMPO - SABERES DA TERRA MUNICÍPIO DE AREIA-PB Edvânia de Souza Lopes Projovem Campo (Goiesc) edvaniasolos@yahoo.com.br Denizia

Leia mais

MEIO AMBIENTE NA EDUCAÇÃO INFANTIL: ATITUDES SUSTENTÁVEIS E OS CUIDADOS QUE SE DEVE TER

MEIO AMBIENTE NA EDUCAÇÃO INFANTIL: ATITUDES SUSTENTÁVEIS E OS CUIDADOS QUE SE DEVE TER MEIO AMBIENTE NA EDUCAÇÃO INFANTIL: ATITUDES SUSTENTÁVEIS E OS CUIDADOS QUE SE DEVE TER Edilene França da Siva Muriel Galdino Janicleide Soares RESUMO A educação ambiental apresenta um laço estreito com

Leia mais

1º Fórum Internacional de Resíduos Sólidos. ÁREA TEMÁTICA Educação Ambiental AMBIENTAÇÃO EDUCAÇÃO AMBIENTAL EM PRÉDIOS DO GOVERNO DE MG 1

1º Fórum Internacional de Resíduos Sólidos. ÁREA TEMÁTICA Educação Ambiental AMBIENTAÇÃO EDUCAÇÃO AMBIENTAL EM PRÉDIOS DO GOVERNO DE MG 1 1º Fórum Internacional de Resíduos Sólidos ÁREA TEMÁTICA Educação Ambiental AMBIENTAÇÃO EDUCAÇÃO AMBIENTAL EM PRÉDIOS DO GOVERNO DE MG 1 1 Mirian Cristina Dias Baggio Bióloga especializada em Educação

Leia mais

PROJETO CHICO MENDES: Ciclos da vida: ambiente, saúde e cidadania

PROJETO CHICO MENDES: Ciclos da vida: ambiente, saúde e cidadania 2010 PROJETO CHICO MENDES: Ciclos da vida: ambiente, saúde e cidadania Mogi Guaçu/SP PROJETO CHICO MENDES CICLOS DA VIDA: AMBIENTE, SAÚDE E CIDADANIA Equipe FMPFM Prof. Ms. Glauco Rogério Ferreira Desenvolvimento

Leia mais

RECUPERAÇÃO DE ÁREAS DEGRADADAS

RECUPERAÇÃO DE ÁREAS DEGRADADAS RECUPERAÇÃO DE ÁREAS DEGRADADAS Instituto Estadual do Ambiente - INEA Diretoria de Biodiversidade e Áreas Protegidas - DIBAP Gerência do Serviço Florestal - GESEF ESTRUTURA DA APRESENTAÇÃO Conceitos /

Leia mais

Sustentabilidade Ambiental na Extração de Rochas Ornamentais

Sustentabilidade Ambiental na Extração de Rochas Ornamentais Sustentabilidade Ambiental na Extração de Rochas Ornamentais Edimundo Almeida da Cruz Geógrafo, Analista Ambiental (GCA-SLM-IEMA) Contato: edimundo-cruz@hotmail.com IEMA-CLM: (27) 3636-2580, 3636-2583

Leia mais

EDUCAÇÃO AMBIENTAL APLICADA AO ENSINO FUNDAMENTAL NA ESCOLA ESTADUAL JARDIM A LUZ - GOIÂNIA - GO

EDUCAÇÃO AMBIENTAL APLICADA AO ENSINO FUNDAMENTAL NA ESCOLA ESTADUAL JARDIM A LUZ - GOIÂNIA - GO VI - 4 o CONGRESSO BRASILEIRO DE ENGENHARIA SANITÁRIA E AMBIENTAL EDUCAÇÃO AMBIENTAL APLICADA AO ENSINO FUNDAMENTAL NA ESCOLA ESTADUAL JARDIM A LUZ - GOIÂNIA - GO Eduardo Queija de Siqueira (1) Professor

Leia mais

VAMOS CUIDAR DO BRASIL COM AS ESCOLAS FORMANDO COM-VIDA CONSTRUINDO AGENDA 21AMBIENTAL NA ESCOLA

VAMOS CUIDAR DO BRASIL COM AS ESCOLAS FORMANDO COM-VIDA CONSTRUINDO AGENDA 21AMBIENTAL NA ESCOLA VAMOS CUIDAR DO BRASIL COM AS ESCOLAS FORMANDO COM-VIDA CONSTRUINDO AGENDA 21AMBIENTAL NA ESCOLA COM-VIDA Comissão de Meio Ambiente e Qualidade de Vida na Escola Criado a partir das deliberações da I Conferência

Leia mais

USO DE REVISTAS EM QUADRINHOS PARA TRABALHAR A EDUCAÇÃO AMBIENTAL NAS AULAS DE GEOGRAFIA 1

USO DE REVISTAS EM QUADRINHOS PARA TRABALHAR A EDUCAÇÃO AMBIENTAL NAS AULAS DE GEOGRAFIA 1 USO DE REVISTAS EM QUADRINHOS PARA TRABALHAR A EDUCAÇÃO AMBIENTAL NAS AULAS DE GEOGRAFIA 1 VASCONCELOS, Valquíria Sarah de valquiriasarahdevasconcelos@hotmail.com.bracadêmica Bolsista do PIBID Universidade

Leia mais

A IMPORTÂNCIA DA RESERVA ECOLOGICA MATA DO PAU- FERRO (AREIA-PB) COMO INSTRUMENTO PEDAGÓGICO

A IMPORTÂNCIA DA RESERVA ECOLOGICA MATA DO PAU- FERRO (AREIA-PB) COMO INSTRUMENTO PEDAGÓGICO A IMPORTÂNCIA DA RESERVA ECOLOGICA MATA DO PAU- FERRO (AREIA-PB) COMO INSTRUMENTO PEDAGÓGICO Edilaine da Silva Trajano (1); David Holanda de Oliveira (1); Sibelle Williane Dias dos Santos Inocêncio Alves

Leia mais

REALIZAÇÕES DO PIBID NA UNIDADE EDUCACIONAL JOSÉ LUSTOSA ELVAS FILHO, BOM JESUS-PI

REALIZAÇÕES DO PIBID NA UNIDADE EDUCACIONAL JOSÉ LUSTOSA ELVAS FILHO, BOM JESUS-PI REALIZAÇÕES DO PIBID NA UNIDADE EDUCACIONAL JOSÉ LUSTOSA ELVAS FILHO, BOM JESUS-PI Francisco Cleiton da Rocha 1 Marcos Vinícius de Sousa 2 Stella Indira Rocha Lobato 3 1 Professor Assistente da Universidade

Leia mais

A Administração Pública e o Desenvolvimento Sustentável

A Administração Pública e o Desenvolvimento Sustentável 56 Série Aperfeiçoamento de Magistrados 17 A Administração Pública e o Desenvolvimento Sustentável Marcia Correia Hollanda 1 1. ASPECTOS GERAIS DO CONCEITO DE DESENVOLVIMENTO SUSTENTÁVEL A ideia de reorganizar

Leia mais

EDUCAÇÃO AMBIENTAL NO ENSINO DE JOVENS E ADULTOS. Andréia Cristina Santos Freitas 1 José Everaldo Oliveira Santos 2 Luciano Vieira Barreto 3

EDUCAÇÃO AMBIENTAL NO ENSINO DE JOVENS E ADULTOS. Andréia Cristina Santos Freitas 1 José Everaldo Oliveira Santos 2 Luciano Vieira Barreto 3 EDUCAÇÃO AMBIENTAL NO ENSINO DE JOVENS E ADULTOS Andréia Cristina Santos Freitas 1 José Everaldo Oliveira Santos 2 Luciano Vieira Barreto 3 Universidade Estadual do Sudoeste da Bahia - UESB Curso de Especialização

Leia mais

INTRODUÇÃO AO DIREITO AMBIENTAL

INTRODUÇÃO AO DIREITO AMBIENTAL INTRODUÇÃO AO DIREITO AMBIENTAL 1. NOMENCLATURA DA DISCIPLINA JURÍDICA Direito ambiental, direito do meio ambiente, direito do desenvolvimento sustentável, direito verde, direito ecológico, direito de

Leia mais