Relatório de Sustentabilidade 2009

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Relatório de Sustentabilidade 2009"

Transcrição

1 Relatório de Sustentabilidade 2009 Roche Brasil Inovando em saúde

2 2 Relatório de Sustentabilidade 2009

3 Medicina Personalizada As pessoas são diferentes e as doenças também

4 C.A.M. 32 anos Paciente com câncer de mama

5 Câncer de mama O câncer de mama é o segundo tipo de câncer com maior incidência no mundo e o mais comum entre as mulheres. Estima-se que em torno de 25 milhões de mulheres no mundo serão diagnosticadas com câncer de mama nos próximos 25 anos e que mais de 10 milhões podem morrer nesse período. Se for detectado precocemente, as chances de cura podem ultrapassar os 90%. No entanto, apenas 32% das mulheres sabem que a mamografia é o principal método de detecção precoce da doença. No Brasil: a cada hora, são seis novos diagnósticos e um quarto das mulheres tem menos que 50 anos. No mundo: a cada 24 segundos, uma mulher recebe o diagnóstico de câncer de mama e a cada 68 segundos, uma morre. Fontes: Instituto Oncoguia, Susan G. Komen for the Cure e Instituto Nacional de Câncer Inca Medir a presença de um fator de crescimento (HER2) em pacientes com câncer de mama, por meio de exames específicos, como os da Roche Tissue Diagnostics, permite identificar pacientes com maior chance de responder a Herceptin (trastuzumabe), que visa especificamente a esse fator de crescimento.

6 I.A.P. 51 anos Paciente com câncer colorretal

7 Câncer colorretal Em termos de incidência, o câncer colorretal configura-se como a terceira causa mais comum de câncer no mundo, em ambos os sexos. Cerca de 9,4%, equivalendo a um milhão de novos casos, de todos os cânceres são colorretal. O número de casos novos estimado para o Brasil no ano de 2010 será de em homens e de em mulheres. Esses valores correspondem a um risco estimado de 14 novos casos a cada 100 mil homens e 15 para cada 100 mil mulheres. Fonte: Instituto Nacional de Câncer Inca O teste de mutação K-RAS identifica mutações específicas do tumor, que indicam o prognóstico da doença, em pacientes com câncer colorretal. Algumas drogas usadas para tratar o câncer colorretal e outros tipos de câncer só são indicadas para pacientes que não apresentam mutações. Assim, o teste ajuda os médicos a identificar pacientes que poderão se beneficiar de uma terapia específica contra o câncer, com base na ausência ou na presença da mutação.

8 8 Relatório de Sustentabilidade 2009 C.C.M. 62 anos Paciente com osteoporose

9 Capítulo Nome do capítulo 9 Osteoporose A osteoporose é caracterizada por diminuição da massa óssea e deterioração estrutural do tecido ósseo. Por não apresentar sintomas, é conhecida como doença silenciosa, sendo as fraturas uma de suas principais complicações. Estima-se que mais de 200 milhões de mulheres no mundo tenham a doença, que ocorre entre 18% e 28% da mulheres com idade igual ou superior a 50 anos, e de 6% a 22% dos homens, na mesma faixa etária. No Brasil, cerca de 10 milhões de pessoas sofrem de osteoporose e apenas um terço dessa população é diagnosticado com a doença, que requer tratamento contínuo e por tempo prolongado. Fonte: Ministério da Saúde do Brasil O monitoramento dos efeitos da terapia medicamentosa antirreabsortiva ajuda o médico a prescrever um tratamento direcionado, específico para as necessidades do paciente com osteoporose.

10 10 Relatório de Sustentabilidade 2009 J.S.P. 64 anos Paciente com hepatite C

11 Capítulo Nome do capítulo 11 Hepatite C Hepatite C é a inflamação do fígado causada pela infecção pelo vírus da hepatite C (VHC ou HCV), transmitido através do contato com sangue contaminado. Essa inflamação ocorre na maioria das pessoas que adquire o vírus e, dependendo da intensidade e do tempo de duração, pode levar a cirrose e câncer do fígado. Estima-se que cerca de 3% da população mundial, 170 milhões de pessoas, sejam portadores de hepatite C crônica. É atualmente a principal causa de transplante hepático em países desenvolvidos e responsável por 60% das hepatopatias crônicas. Fonte: O uso de testes de PCR altamente sensíveis, em tempo real, que medem os níveis do vírus HCV no sangue do paciente, permite aos médicos personalizar o esquema terapêutico do paciente com base na resposta ao tratamento.

12 12 Relatório de Sustentabilidade 2009 Nosso Negócio Inovação é a nossa resposta aos desafios médicos. Nosso trabalho diário é buscar soluções para salvar vidas de pacientes e ajudar milhões de pessoas em todo o mundo, por meio da excelência em ciência. Foco em necessidades médicas não atendidas Por mais de 110 anos, a Roche tem desempenhado um papel pioneiro em cuidados com a saúde. Na condição de líder mundial em diagnósticos in vitro, fornecemos uma ampla gama de instrumentos diagnósticos e testes para que médicos, laboratórios e pacientes possam detectar e monitorar doenças de maneira rápida e confiável. Maior empresa de biotecnologia do mundo, a Roche desenvolveu uma série de drogas altamente eficientes, tornando-se a principal fornecedora mundial de medicamentos de prescrição para o tratamento de câncer. O nosso trabalho cotidiano está focado em doenças com necessidades médicas não atendidas, o que inclui diversos tipos de câncer, infecções virais, distúrbios metabólicos e do sistema nervoso central, além de enfermidades inflamatórias. A Roche também é pioneira em Medicina Personalizada: queremos adequar ao máximo os tratamentos às reais necessidades dos pacientes para melhorar os cuidados com a saúde, tornando-os mais seguros e eficientes, inclusive em termos de custo.

13 Índice 13 Índice 14 Mensagem aos Stakeholders 18 Medicina Personalizada e Inovação 22 Perfil da Organização 23 Grupo Roche 26 Roche Brasil 27 Roche Farmacêutica 29 Roche Diagnóstica 32 Resultados do Grupo Roche 34 Governança Corporativa 35 Compromisso com a ética 39 Gestão estratégica 42 Inovação Contínua 52 Acesso à Saúde 53 O desafio de ampliar o acesso à saúde 55 Farmacoeconomia 56 Cuidados com a hepatite C 57 Diagnósticos e biotecnologia 57 Conscientização e prevenção 62 Comunicação com os pacientes 70 Engajamento de Stakeholders 72 Público interno 86 Médicos e profissionais de saúde 88 Pacientes e associações de pacientes 90 Fornecedores 90 Distribuidores 92 Operadoras de saúde, hospitais e laboratórios 94 Governo 95 Comunidade 99 Imprensa 100 Atenção ao Meio Ambiente 108 Ativos Intangíveis 112 Parâmetros do Relatório 113 Nível de aplicação GRI 114 Índice remissivo GRI 121 FarmaSustentável 122 Balanço Social Ibase Divisão Farmacêutica 124 Balanço Social Ibase Divisão Diagnóstica 126 Expediente 64 Prescrição e Consumo Responsáveis 65 Informação clara e acessível 67 Canais de comunicação com o público externo Divisão Farmacêutica 69 Canais de comunicação com o público externo Divisão Diagnóstica Para efeito de padronização, em todo o texto deste relatório a Roche é identificada como empresa, companhia, corporação ou Grupo. O termo funcionários refere-se ao quadro efetivo de profissionais que nela trabalham, enquanto colaboradores engloba, além dos funcionários, os estagiários, os contratados, os temporários e os terceiros.

14 14 Relatório de Sustentabilidade 2009 Mensagem aos Stakeholders Para alcançar melhores resultados, trocar experiências e preparar a empresa para novos desafios, a Roche fortaleceu a atuação conjunta das Divisões Farmacêutica e Diagnóstica. Juntas, proporcionam soluções personalizadas para salvar vidas, atuando desde a prevenção e o diagnóstico de doenças até o tratamento e o monitoramento da terapia.

15 Mensagem aos Stakeholders 15 Adriano Treve Pedro Gonçalves Tempo de novas conquistas e transformações Para a Roche Brasil, 2009 foi um ano de novas conquistas e de transformações importantes, por meio das quais posicionamos a empresa em um novo patamar. Com a gestão reestruturada, o nosso portfólio de soluções em saúde nos qualifica a ocupar um lugar de destaque em um mercado desafiador e cada vez mais competitivo. Com os objetivos de alcançar melhores resultados, trocar experiências e nos preparar para enfrentar novos desafios, aproveitando nossas sinergias, decidimos fortalecer a atuação conjunta das Divisões Farmacêutica e Diagnóstica. Juntos, oferecemos soluções personalizadas para salvar vidas, atuando desde a prevenção e o diagnóstico de doenças até o tratamento e o monitoramento da terapia. No cenário global, tivemos importantes destaques do Grupo Roche, que certamente devem trazer reflexos positivos para o Brasil: a aquisição da Genentech, empresa norte-americana líder em medicamentos biotecnológicos; a chegada à América Latina dos produtos da Ventana, outra companhia norte-americana, adquirida pela Roche, que detém a liderança no fornecimento de sistemas automatizados de diagnósticos para o mercado de anatomia patológica; e a indicação da Roche, pelo índice Dow Jones de Sustentabilidade (Dow Jones Sustainability Index DJSI), da Bolsa de Valores de Nova York, como líder do Supersetor de Saúde. Essa indicação reconhece nossos esforços e aumenta as nossas responsabilidades em relação à sustentabilidade.

16 16 Relatório de Sustentabilidade 2009 O Grupo Roche tem uma atuação definida e estruturada em pesquisa e desenvolvimento e está entre os maiores investidores mundiais em inovações em saúde. Em 2009, o Grupo destinou 22% de sua receita à pesquisa, o que equivale a 9,9 bilhões de francos suíços (R$ 18,2 bilhões). Em 2009, na Divisão Diagnóstica, os maiores destaques foram os imunoensaios Elecsys sflt-1 e PlGF, os primeiros testes automatizados disponíveis e aprovados para utilização como um auxílio no diagnóstico de pré- -eclâmpsia (elevação da pressão arterial das gestantes), a partir do terceiro mês de gravidez. Outro lançamento importante foi o Accu-Chek Performa Nano, um monitor de glicemia muito pequeno, com design moderno e de uso ainda mais prático, equipado com indicadores de teste antes e depois das refeições, visor iluminado e lancetador quase indolor. internos e a gestão das relações comerciais que a Roche mantém com diferentes públicos estratégicos. Aumentamos os investimentos em medicamentos biotecnológicos diferenciados e lançamos produtos como Actemra (tocilizumabe), para artrite reumatoide, produzido por meio da engenharia genética, e Bonviva IV (ibandronato de sódio), versão intravenosa, para o tratamento de osteoporose, e obtivemos a aprovação do Avastin (bevacizumabe), para o câncer de pulmão. O ano foi marcado, ainda, pela pandemia da gripe A (causada pelo vírus H1N1), que demandou da empresa o fornecimento de um total de 13,5 milhões de doses de Tamiflu (fosfato de oseltamivir) ao Ministério da Saúde do Brasil. O trabalho foi bem- -sucedido e deve se estender em 2010, por meio de um plano estratégico de imunização e contenção, sob a coordenação do Ministério. A Divisão Farmacêutica focou-se, em 2009, no planejamento estratégico denominado Visioning Realizando o Futuro. Nesse processo, participativo e transparente, decidimos agregar cada vez mais valor ao negócio, investir em recursos humanos e em inovação e aperfeiçoar nossos relacionamentos, entre outras iniciativas. A meta é chegar a 2015 com nossa liderança no setor consolidada e a cultura e as práticas de sustentabilidade plenamente integradas ao negócio, ancoradas em nossos três valores: Integridade, Coragem e Paixão. Cientes de que os resultados da companhia somente poderão ser alcançados com a participação e o engajamento de novos talentos, contratamos profissionais, valorizamos nossos funcionários e revisamos nossas estratégias, em um processo de evolução natural, para tornar a gestão mais ágil e a Roche ainda mais competitiva. Dessa forma, compartilhamos melhor os compromissos, os desafios, as oportunidades, os resultados e os benefícios alcançados. Em 2009, na Divisão Farmacêutica, também concretizamos a primeira etapa da implantação do Projeto IFE (In Field Effectiveness, ou Efetividade no Campo), que procura otimizar todos os processos Mesmo diante das incertezas provocadas pela histórica crise financeira mundial, que afetou a economia de muitos países em 2009, a Roche Brasil contribuiu positivamente para os resultados anuais do Grupo Roche. Atualmente, o Brasil, que sedia a presidência da Divisão Farmacêutica para a América Latina, ocupa o sétimo lugar no ranking de vendas entre as afiliadas. Com as medidas de melhoria adotadas em 2008, a Unidade Industrial Farmacêutica de Jacarepaguá, no Rio de Janeiro, atingiu o nível de boas práticas de produção da Europa e dos Estados Unidos, tornando-se apta a exportar medicamentos. Em 2009, tiveram início as vendas ao mercado externo, para oito países europeus. Aproveitamos a oportunidade para agradecer a todos os colaboradores da Roche Brasil pelo trabalho dedicado e pelo profissionalismo com que desempenharam suas atividades ao longo de Adriano Treve Presidente da Roche Farmacêutica Brasil Pedro Gonçalves Presidente da Roche Diagnóstica Brasil

17 Capítulo Nome do capítulo 17

18 18 Relatório de Sustentabilidade 2009 Medicina Personalizada e Inovação As pessoas são diferentes e as doenças também. Pessoas diferentes podem reagir de modo diferente ao mesmo medicamento. Alguns pacientes se beneficiam, outros sofrem com efeitos colaterais indesejados. Na Roche, nosso compromisso é usar o conhecimento que temos de biologia molecular para aprofundar nosso entendimento das doenças e das diferenças entre os pacientes. Estamos buscando melhores alvos de drogas e biomarcadores clinicamente relevantes que, algum dia, permitirão aos médicos adaptar o tratamento, com maior precisão, às necessidades dos pacientes e prever quais pacientes poderão ou não extrair benefício do tratamento. Essa é a essência da Medicina Personalizada.

19 Medicina Personalizada e Inovação 19 O diagnóstico tem um papel-chave na Medicina Personalizada. As pessoas reagem de modo diferente aos medicamentos. Um grupo de pacientes pode se beneficiar de um tratamento enquanto outro apresenta efeitos colaterais indesejados. Na Roche, Medicina Personalizada é adaptar o tratamento ao paciente. Medicina Personalizada: elemento-chave da estratégia do Grupo Roche A Roche foi uma das primeiras empresas a reconhecer o potencial da Medicina Personalizada, hoje estratégia fundamental do Grupo e considerada um fator-chave para aumentar as chances de sucesso no desenvolvimento de drogas e na oferta aos pacientes de medicamentos diferenciados do ponto de vista clínico. Em uma recente conversa, Adriano Treve, Presidente da Divisão Farmacêutica da Roche Brasil, e Pedro Gonçalves, Presidente da Divisão Diagnóstica da Roche Brasil, discutiram a estratégia de Medicina Personalizada do Grupo Roche, sua adoção e como a iniciativa pode gerar valor aos stakeholders, na área da saúde, e à própria Roche.

20 20 Relatório de Sustentabilidade 2009 Qual é o principal diferencial do conceito de Medicina Personalizada? Adriano Treve A Medicina Personalizada não é um conceito novo. Os médicos sempre tentaram adaptar o tratamento ao paciente, pois, frequentemente, os medicamentos não funcionam ou causam efeitos colaterais indesejados. Dependendo da doença e do medicamento, os índices de resposta podem ser muito baixos de até 20%. Portanto, para os pacientes, a Medicina Personalizada representa a chance de maiores índices de resposta e menor exposição ao risco de efeitos colaterais, uma vez que oferece oportunidades para adaptar, de modo cada vez melhor, os tratamentos a grupos específicos de pacientes, identificados por meio de testes genéticos. Em síntese, o conceito de Medicina Personalizada é utilizar o tratamento certo para o paciente certo. Pedro Gonçalves Começamos a investir muito cedo em biologia molecular, e o conhecimento que adquirimos nos coloca, hoje, em uma posição muito sólida para avançar em Medicina Personalizada. O tratamento é desenvolvido a partir das características clínicas individuais das pessoas, identificadas por testes genéticos. Durante esse período, pode-se acompanhar, por exemplo, a evolução das condições de saúde de uma paciente com câncer de mama. Por meio de um teste diagnóstico, chega-se a um biomarcador, ou seja, um parâmetro exato, a partir do qual é possível desenvolver um medicamento capaz de atacar as células afetadas pela doença com maior precisão e eficiência. Na prática, como a Medicina Personalizada tem sido aplicada? Pedro Gonçalves O conhecimento científico sobre as doenças no nível molecular cresce em ritmo quase exponencial, oferecendo oportunidades reais para tratarmos as patologias de modo mais efetivo. Atualmente, essas oportunidades são representadas, em grande parte, pelas situações em que buscamos ajustar o uso dos medicamentos já existentes às necessidades de pacientes específicos, com a ajuda de novos recursos de diagnóstico. No Brasil, estamos em plena fase de apresentação das nossas soluções ao mercado. Já temos opções integradas de tratamento para doenças como câncer, hepatite e HIV/Aids. Trata-se de um conceito oposto à lógica médica convencional, por meio da qual um mesmo medicamento pode servir a qualquer pessoa. Nossa visão é diferente: ofereceremos cada vez mais soluções personalizadas, de alto valor agregado, que auxiliem os médicos na tomada da melhor decisão clínica. Adriano Treve O progresso da ciência tem oferecido oportunidades para adaptarmos, de modo cada vez melhor, os tratamentos a grupos específicos de pacientes. Na área de oncologia, temos o conhecimento, mas não é fácil encontrar biomarcadores clinicamente relevantes que possamos rastrear. Um exemplo concreto de como conseguimos tornar a medicina mais personalizada é o Herceptin (trastuzumabe), destinado a um tipo específico de câncer de mama, diagnosticado por meio do teste combinado de HER2, que identifica pacientes com maior chance de se beneficiar do tratamento com esse medicamento. Precisamos dominar a ciência e fazê-la trabalhar em prol dos pacientes. Se não o fizermos, estaremos perdendo a oportunidade de capitalizar um dos nossos maiores bens: a combinação de forças nas áreas farmacêutica e de diagnóstico. Para quais doenças se pode aplicar o conceito de Medicina Personalizada? Pedro Gonçalves Para a Roche, a Medicina Personalizada tem como foco doenças que, sem a solução integrada de diagnóstico mais medicamento, não poderiam alcançar o mesmo resultado no seu tratamento. A Medicina Personalizada está fortemente ancorada na ciência. Se pudermos aliar, de forma inteligente, verdadeiras inovações em medicina com um melhor rastreamento das doenças, seremos capazes de obter melhores resultados em termos de opções terapêuticas para diferentes tipos de pacientes e de identificar quais pacientes têm maior chance de resposta a cada uma dessas opções. Adriano Treve Já se sabe que a Virologia é uma das áreas de doenças mais previsíveis. No caso da hepatite C, uma doença descoberta há apenas 18 anos, já é possível saber em 12 semanas, com a ajuda de testes genéticos (genotipagem), se o paciente responderá ao tratamento com Pegasys (alfapeginterferona 2a). Em pacientes que têm HCV dos genótipos 2 a 4, sabemos que uma terapia de curta duração provavelmente terá sucesso. Recentemente, recebemos aprovação para o uso de Pegasys (alfapeginterferona 2a) por 72 semanas

21 Medicina Personalizada e Inovação 21 em pacientes não responsivos, que têm o genótipo 1. Portanto, realmente oferecemos opções personalizadas para alguns pacientes, por meio da combinação de medicamentos inovadores, genotipagem e monitoramento da carga viral. A Medicina Personalizada já está ao alcance de todos? Adriano Treve Infelizmente, ainda não. Essa é uma questão muito importante para a Roche, e o diálogo que temos mantido com representantes do governo é permanente, para buscarmos, juntos, mecanismos para que todos os pacientes tenham alcance às melhores opções terapêuticas, que atendam especificamente às suas necessidades médicas. Pedro Gonçalves A nossa meta é que todos os pacientes tenham acesso aos tratamentos mais adequados a cada caso. Para alcançar essa realidade, é necessária uma gestão muito eficaz dos recursos disponíveis. Com uma população vivendo mais tempo, e com o aumento da demanda por serviços de saúde, torna-se fundamental a existência de métodos de diagnóstico que permitam tomar uma decisão clinica rápida e orientada a cada indivíduo. Se o conceito de Medicina Personalizada é mais eficiente, porque apenas a Roche tem esse posicionamento? Adriano Treve Porque a Roche é uma empresa que tem como missão salvar vidas. Somos uma organização centenária, que sempre apostou na inovação, na pesquisa e na tecnologia para encontrar as melhores respostas aos problemas de saúde da população. O conhecimento que acumulamos, ao longo dos anos, nas áreas de produtos farmacêuticos e de diagnóstico nos dá uma vantagem sustentável. A profundidade e a extensão da nossa capacitação nessas áreas também nos dão as condições ideais para sermos líderes no campo da Medicina Personalizada. Pedro Gonçalves A Roche é a única empresa do setor de saúde no mundo que se diferencia pela sua integração de extensos portfólios tanto em medicamentos quanto em diagnósticos. Desde a década de 1990, a companhia vem se organizando para atuar com base no conceito de Medicina Personalizada. Nesse período, planejou, investiu e realizou aquisições estratégicas, como as da Ventana e da Genentech (leia mais sobre o assunto no capítulo Inovação Contínua), para citar as mais recentes. Atualmente, a Roche mantém diversos programas, na área de Pesquisa e Desenvolvimento, em que tanto uma molécula quanto o respectivo biomarcador são desenvolvidos em paralelo, permitindo alcançar o nosso objetivo de tratamento certo para o paciente certo. Para encerrar, qual a mensagem para o futuro? Pedro Gonçalves O futuro será muito promissor. Nossos investimentos em pesquisas e desenvolvimento de soluções inovadoras e eficientes para prover a saúde da sociedade crescerão. A América Latina, em especial o Brasil, possui grande capacidade de atração desses recursos, o que, aliado à excelência dos seus profissionais, faz com que o País reúna todas as condições para exercer uma importante liderança entre os emergentes. A inovação e a excelência científica são a base do nosso sucesso, mas somente o compromisso e o profissionalismo dos nossos colaboradores nos permitem alcançar, com sucesso, o nosso objetivo de melhorar ainda mais a qualidade de vida das populações que servimos. Adriano Treve Em primeiro lugar, de muita confiança. A Roche Brasil está pronta e alinhada com o Grupo Roche para também contribuir na busca de soluções que propiciem melhor qualidade de vida aos pacientes. O nosso objetivo é sermos cada vez mais eficientes na oferta de opções integradas de tratamento para o maior número de pessoas. Estamos felizes também porque, em 2011, completaremos 80 anos de atuação no Brasil. Temos muito orgulho da história que construímos nessa longa trajetória e estamos prontos para seguir em frente, com Integridade, Coragem e Paixão. Roche Brasil: (a partir da esquerda) Pedro Gonçalves, Presidente da Roche Diagnóstica; Adriano Treve, Presidente da Roche Farmacêutica e Fernando Loureiro, Diretor de Acesso ao Mercado e Comunicação, da Roche Farmacêutica

22 22 Relatório de Sustentabilidade 2009 Perfil da Organização Com a pesquisa, o desenvolvimento e um portfólio de medicamentos de ponta, a Roche faz a diferença na vida de milhões de pacientes. Criamos a maior empresa de biotecnologia do mundo, líder em diagnósticos in vitro.

23 Capítulo Nome do capítulo 23 Grupo Roche Desde a sua fundação, em 1896, na cidade de Basileia, na Suíça, o Grupo Roche consolidou uma trajetória de sucesso e tornou-se referência mundial em inovações para a saúde. Atualmente, emprega funcionários, e seus produtos e serviços são comercializados em mais de 150 países. A Roche apresentou um excelente desempenho em Contudo, a indústria farmacêutica vem enfrentando muitos desafios, que vão desde o aumento das demandas da população, em razão das mudanças demográficas, até o maior controle regulatório e o estresse financeiro nos sistemas de saúde. A empresa mantém-se focada nos pacientes, concentrando os negócios em produtos farmacêuticos e de diagnóstico, para concretizar sua visão de adequar os tratamentos a grupos específicos de pacientes. A empresa acredita no enorme potencial de transformar ciência de ponta em terapias que reduzam o sofrimento humano e ajudem as pessoas a viver mais e com mais saúde.

24 24 Relatório de Sustentabilidade 2009 Missão Nosso objetivo, como empresa líder no setor da saúde, é criar, produzir e comercializar soluções inovadoras de alta qualidade, que atendam às necessidades médicas. Nossos produtos e serviços auxiliam na prevenção, no diagnóstico e no tratamento de doenças, melhorando, assim, a saúde e a qualidade de vida das pessoas. Atuamos com responsabilidade e ética, comprometendo-nos com o desenvolvimento sustentável e com o respeito às necessidades do indivíduo, da sociedade e do meio ambiente. Valores da Roche A Roche abraça a diversidade de culturas de pessoas e compartilha e acredita em três valores fundamentais, presentes na sua essência: Integridade Somos abertos, honestos, éticos e autênticos, de maneira consistente. Coragem Somos empreendedores, portanto, assumimos riscos e ultrapassamos limites. Paixão Utilizamos a nossa motivação e dedicação para estimular, envolver e inspirar os outros. Nosso modelo de negócio e de gestão Nosso foco é adequar o tratamento ao paciente por meio de terapias diferenciadas no aspecto médico. Concentramos nossas energias em produtos farmacêuticos para prescrição e diagnóstico in vitro, deixando de lado a diversificação para outros setores, como genéricos, medicamentos sem prescrição e dispositivos médicos. Nossa individualidade consiste na busca pela excelência em ciência : queremos oferecer às pessoas as ferramentas certas e o ambiente adequado. Abrangência incomparável em biologia molecular, habilidade de integrar harmoniosamente recursos farmacêuticos e de diagnóstico, diversidade de abordagens para maximizar a inovação e orientação de longo prazo são os nossos principais fatores de diferenciação. Nossos resultados buscam fornecer valor para todos os stakeholders, sejam eles pacientes ou médicos (valor, qualidade e segurança médica e econômica), funcionários (um excelente lugar para trabalhar, oportunidades de crescimento pessoal), investidores (retorno total ao acionista) e sociedade em geral (responsabilidade social corporativa). Nossas pessoas são o ponto inicial de nosso modelo de gestão. Queremos atrair os melhores profissionais para nossa organização e oferecer a eles um excelente lugar para se trabalhar. Nossa cultura é fundamentada sobre os valores Integridade, Coragem e Paixão. Isso significa que todos nós seguimos altos padrões éticos, temos coragem de assumir riscos e, acima de tudo, trabalhamos com paixão para melhorar a vida das pessoas. Nossos princípios e processo de decisão enfatizam o diálogo transparente, responsabilidades claras e delegação ativa de poder. Severin Schwan, CEO do Grupo Roche Nossa estrutura é projetada para a inovação. A empresa equilibra, de forma balanceada, fatores como diversidade, escala, alcance, velocidade e coesão, para possibilitar e alavancar a inovação em toda a cadeia de valor.

25 Perfil da Organização 25 Principais iniciativas e fatos protagonizados pelo Grupo Roche em 2009 Sustentabilidade corporativa Práticas responsáveis Nomeada líder do Supersetor de Saúde nos Índices de Sustentabilidade Dow Jones (Dow Jones Sustainability Indexes DJSI). Selecionada para os índices DJSI World e STOXX e para o índice FTSE4Good. Produção de cinco novos trabalhos de posicionamento em: células-tronco e clonagem; nanotecnologia; biobancos (armazenagem de sangue, fluídos ou tumores humanos por tempo indeterminado); medicina personalizada; e valor de nossos produtos e serviços. Lançamento de uma linha telefônica disponível a todos os funcionários do Grupo Roche, junto de um sistema na web, para a denúncia de violações do Código de Conduta da empresa. Desenvolvimento do novo Código de Conduta para Fornecedores, com exigências em ética, segurança, saúde e meio ambiente, inovação, diversidade de fornecedores, sustentabilidade econômica e responsabilidade social. Pacientes e acesso aos cuidados com a saúde O Institute for One World Health, dos Estados Unidos, que desenvolve medicamentos para pessoas com doenças infecciosas no mundo em desenvolvimento, completou a primeira triagem da biblioteca de componentes químicos da Roche para encontrar novas drogas para o tratamento da diarreia. Ingresso em nova parceria público-privada com a Novo Nordisk e a Fundação Mundial de Diabetes, para melhorar o atendimento às crianças portadoras da doença na África. Doação de 5,65 milhões de doses de Tamiflu (fosfato de oseltamivir) para reabastecer os estoques da Organização Mundial de Saúde (OMS). Lançamento do Programa de Reserva Tamiflu (fosfato de oseltamivir), para ampliar o acesso ao medicamento nos países em desenvolvimento. Tratamento gratuito a pacientes, nos Estados Unidos, por meio de programas Roche/Genentech Access. Divulgação no website global de todos os apoios financeiros e em espécie repassados para organizações de pacientes. Pessoas A pesquisa global com os funcionários Listening to You (Ouvindo Você) apurou um índice de 91% de satisfação com o emprego na Roche. A Genentech foi eleita, pela sétima vez, pela revista Science, o melhor empregador nos Estados Unidos. Ampliação global dos princípios alinhados de gestão de desempenho e remuneração e início do alinhamento destes entre a Genentech e a Roche. Expansão mundial do portfólio do programa de liderança, oferecendo os principais programas em todos os seus estágios de desenvolvimento de lideranças e condução de talentos. Sociedade Lançamento da nova política corporativa de doações filantrópicas e patrocínios não comerciais. Lançamento da campanha sobre conscientização do câncer, em áreas rurais da África do Sul, por meio do treinamento de equipes de enfermagem, de exames gratuitos para detecção de câncer de mama, cervical e da próstata. Segurança, saúde e proteção ambiental Produção do manual sobre padrões de projeto para eficiência energética em nossos prédios. Lançamento do programa de e-learning (ensino a distância) sobre segurança, proteção, saúde e meio ambiente para todos os funcionários. Lançamento do programa Roche Environmental Awareness in Chemical Technology (REACT Programa Roche de Conscientização Ambiental em Tecnologia Química), para reduzir o impacto ambiental dos nossos produtos.

Roche apresenta fortes resultados em 2013: crescimento de 6%

Roche apresenta fortes resultados em 2013: crescimento de 6% Roche apresenta fortes resultados em 2013: crescimento de 6% Demanda no Brasil registra aumento de 9,4%. Vendas totais do Grupo alcançam 46,8 bilhões de francos suíços A Roche anunciou hoje os seus resultados

Leia mais

OS PRINCÍPIOS DA ESSILOR

OS PRINCÍPIOS DA ESSILOR OS PRINCÍPIOS DA ESSILOR Cada um de nós, na vida profissional, divide com a Essilor a sua responsabilidade e a sua reputação. Portanto, devemos conhecer e respeitar os princípios que se aplicam a todos.

Leia mais

BAXTER ANUNCIA PLANOS PARA CRIAR DUAS EMPRESAS MUNDIAIS SEPARADAS LÍDERES DE SAÚDE

BAXTER ANUNCIA PLANOS PARA CRIAR DUAS EMPRESAS MUNDIAIS SEPARADAS LÍDERES DE SAÚDE PARA DIVULGAÇÃO IMEDIATA Contatos da mídia Brian Kyhos Deborah Spak (224) 948-5353 media@baxter.com Contatos com investidores Mary Kay Ladone, (224) 948-3371 Clare Trachtman, (224) 948-3085 BAXTER ANUNCIA

Leia mais

Perfil da Organização

Perfil da Organização 03 Perfil da Organização A Roche é referência global em inovação e em pesquisas e desenvolvimento de medicamentos e produtos de diagnósticos com tecnologia de ponta. 8 Roche - Relatório de Sustentabilidade

Leia mais

POLÍTICA DE COMUNICAÇÃO E ENGAJAMENTO COM PÚBLICOS DE INTERESSE DAS EMPRESAS ELETROBRAS

POLÍTICA DE COMUNICAÇÃO E ENGAJAMENTO COM PÚBLICOS DE INTERESSE DAS EMPRESAS ELETROBRAS POLÍTICA DE COMUNICAÇÃO E ENGAJAMENTO COM PÚBLICOS DE INTERESSE DAS Versão 2.0 09/02/2015 Sumário 1 Objetivo... 3 1.1 Objetivos Específicos... 3 2 Conceitos... 4 3 Princípios... 5 4 Diretrizes... 5 4.1

Leia mais

MARCA BRADESCO RECURSOS HUMANOS

MARCA BRADESCO RECURSOS HUMANOS ATIVOS INTANGÍVEIS Embora a Organização não registre seus ativos intangíveis, há evidências da percepção de sua magnitude pelos investidores e que pode ser encontrada na expressiva diferença entre o Valor

Leia mais

MARKETING E VENDAS NA FARMÁCIA

MARKETING E VENDAS NA FARMÁCIA MARKETING E VENDAS NA FARMÁCIA Há muito se discute que o mercado de farmácias é ambiente competitivo e que a atividade vem exigindo profissionalismo para a administração de seus processos, recursos e pessoal.

Leia mais

Nós buscamos as respostas

Nós buscamos as respostas A vida faz as perguntas Nós buscamos as respostas Inovando em saúde A vida faz as perguntas. Roche Inovando em Saúde 1 O que poderá me ajudar? Posso ter esperança? Quando os outros irão perceber? O que

Leia mais

DIRETRIZES PARA UM FORNECIMENTO SUSTENTÁVEL

DIRETRIZES PARA UM FORNECIMENTO SUSTENTÁVEL DIRETRIZES PARA UM FORNECIMENTO SUSTENTÁVEL APRESENTAÇÃO A White Martins representa na América do Sul a Praxair, uma das maiores companhias de gases industriais e medicinais do mundo, com operações em

Leia mais

O Grupo Gerdau incentiva o trabalho em equipe e o uso de ferramentas de gestão pela qualidade na busca de soluções para os problemas do dia-a-dia.

O Grupo Gerdau incentiva o trabalho em equipe e o uso de ferramentas de gestão pela qualidade na busca de soluções para os problemas do dia-a-dia. O Grupo Gerdau incentiva o trabalho em equipe e o uso de ferramentas de gestão pela qualidade na busca de soluções para os problemas do dia-a-dia. Rio Grande do Sul Brasil PESSOAS E EQUIPES Equipes que

Leia mais

PROGRAMA COMPLIANCE VC

PROGRAMA COMPLIANCE VC Seguir as leis e regulamentos é ótimo para você e para todos. Caro Colega, É com satisfação que compartilho esta cartilha do Programa Compliance VC. Elaborado com base no nosso Código de Conduta, Valores

Leia mais

COMPETÊNCIAS FUNCIONAIS QUALIDADE

COMPETÊNCIAS FUNCIONAIS QUALIDADE COMPETÊNCIAS FUNCIONAIS QUALIDADE DESCRIÇÕES DOS NÍVEIS APRENDIZ SABER Aprende para adquirir conhecimento básico. É capaz de pôr este conhecimento em prática sob circunstâncias normais, buscando assistência

Leia mais

LOGÍSTICA MADE DIFFERENT LOGÍSTICA

LOGÍSTICA MADE DIFFERENT LOGÍSTICA LOGÍSTICA MADE DIFFERENT LOGÍSTICA ENTREGA ESPECIAL Na economia globalizada 24/7 de hoje, a logística e a gestão de armazéns eficientes são essenciais para o sucesso operacional. O BEUMER Group possui

Leia mais

O Papel Estratégico da Gestão de Pessoas para a Competitividade das Organizações

O Papel Estratégico da Gestão de Pessoas para a Competitividade das Organizações Projeto Saber Contábil O Papel Estratégico da Gestão de Pessoas para a Competitividade das Organizações Alessandra Mercante Programa Apresentar a relação da Gestão de pessoas com as estratégias organizacionais,

Leia mais

SKF é uma marca comercial registrada do Grupo SKF.

SKF é uma marca comercial registrada do Grupo SKF. SKF é uma marca comercial registrada do Grupo SKF. SKF 2011 Os direitos autorais desta publicação pertencem ao editor e seu conteúdo não pode ser reproduzido (mesmo em parte) sem uma permissão por escrito.

Leia mais

Nossa atuação no setor financeiro

Nossa atuação no setor financeiro Nossa atuação no setor financeiro No mundo No Brasil O porte da equipe de Global Financial Services Industry (GFSI) da Deloitte A força da equipe do GFSI da Deloitte no Brasil 9.300 profissionais;.850

Leia mais

MELHORES PRÁTICAS DE DIVULGAÇÃO DE INFORMAÇÕES SOBRE SUSTENTABILIDADE Pronunciamento de Orientação CODIM

MELHORES PRÁTICAS DE DIVULGAÇÃO DE INFORMAÇÕES SOBRE SUSTENTABILIDADE Pronunciamento de Orientação CODIM MELHORES PRÁTICAS DE DIVULGAÇÃO DE INFORMAÇÕES SOBRE SUSTENTABILIDADE Pronunciamento de Orientação CODIM COLETIVA DE IMPRENSA Participantes: Relatores: Geraldo Soares IBRI; Haroldo Reginaldo Levy Neto

Leia mais

Corporativo. Transformar dados em informações claras e objetivas que. Star Soft. www.starsoft.com.br

Corporativo. Transformar dados em informações claras e objetivas que. Star Soft. www.starsoft.com.br Corporativo Transformar dados em informações claras e objetivas que possibilitem às empresas tomarem decisões em direção ao sucesso. Com essa filosofia a Star Soft Indústria de Software e Soluções vem

Leia mais

Soluções em Tecnologia da Informação

Soluções em Tecnologia da Informação Soluções em Tecnologia da Informação Curitiba Paraná Salvador Bahia A DTS Sistemas é uma empresa familiar de Tecnologia da Informação, fundada em 1995, especializada no desenvolvimento de soluções empresariais.

Leia mais

POLÍTICA DE SEGURANÇA, MEIO AMBIENTE E SAÚDE - SMS. Versão Data Histórico Aprovação 00 20/10/09 Emissão de documento Aldo Guedes

POLÍTICA DE SEGURANÇA, MEIO AMBIENTE E SAÚDE - SMS. Versão Data Histórico Aprovação 00 20/10/09 Emissão de documento Aldo Guedes POLÍTICA DE SEGURANÇA, MEIO AMBIENTE E SAÚDE - SMS. Elaboração Luiz Guilherme D CQSMS 10 00 Versão Data Histórico Aprovação 00 20/10/09 Emissão de documento Aldo Guedes Avaliação da Necessidade de Treinamento

Leia mais

Gerenciamento de Ciclo de Vida do Cliente. Uma experiência mais sincronizada, automatizada e rentável em cada fase da jornada do cliente.

Gerenciamento de Ciclo de Vida do Cliente. Uma experiência mais sincronizada, automatizada e rentável em cada fase da jornada do cliente. Gerenciamento de Ciclo de Vida do Cliente Uma experiência mais sincronizada, automatizada e rentável em cada fase da jornada do cliente. As interações com os clientes vão além de vários produtos, tecnologias

Leia mais

CÓDIGO DE ÉTICA APLICADO AOS ATORES DIRETOS

CÓDIGO DE ÉTICA APLICADO AOS ATORES DIRETOS Arranjo Produtivo Local de Tecnologia da Informação e Comunicação da Região Central do Centro do Rio Grande do Sul CÓDIGO DE ÉTICA APLICADO AOS ATORES DIRETOS Outubro de 2013 MISSÃO Fortalecer, qualificar,

Leia mais

ESTRUTURA CURRICULAR DO CURSO DE ESPECIALIZAÇÃO EM MBA EM GESTÃO DE PESSOAS, LIDERANÇA E COACHING

ESTRUTURA CURRICULAR DO CURSO DE ESPECIALIZAÇÃO EM MBA EM GESTÃO DE PESSOAS, LIDERANÇA E COACHING ESTRUTURA CURRICULAR DO CURSO DE ESPECIALIZAÇÃO EM MBA EM GESTÃO DE PESSOAS, LIDERANÇA E COACHING CENÁRIO E TENDÊNCIAS DOS NEGÓCIOS 8 h As mudanças do mundo econômico e as tendências da sociedade contemporânea.

Leia mais

II SIMPÓSIO DE PESQUISA E DE PRÁTICAS PEDAGÓGICAS 2014 ANAIS

II SIMPÓSIO DE PESQUISA E DE PRÁTICAS PEDAGÓGICAS 2014 ANAIS BUSINESS GAME UGB VERSÃO 2 Luís Cláudio Duarte Graduação em Administração de Empresas APRESENTAÇÃO (DADOS DE IDENTIFICAÇÃO) O Business Game do Centro Universitário Geraldo Di Biase (BG_UGB) é um jogo virtual

Leia mais

PGQP. Programa Gaúcho da Qualidade e Produtividade. Qualidade Gestão Inovação Competitividade Sustentabilidade

PGQP. Programa Gaúcho da Qualidade e Produtividade. Qualidade Gestão Inovação Competitividade Sustentabilidade PGQP Programa Gaúcho da Qualidade e Produtividade Qualidade Gestão Inovação Competitividade Sustentabilidade visão das lideranças A Excelência de qualquer organização depende da sinergia entre três fatores:

Leia mais

CobiT 4.01 OBJETIVOS DE CONTROLE PARA INFORMAÇÃO E TECNOLOGIAS RELACIONADAS

CobiT 4.01 OBJETIVOS DE CONTROLE PARA INFORMAÇÃO E TECNOLOGIAS RELACIONADAS CobiT 4.01 OBJETIVOS DE CONTROLE PARA INFORMAÇÃO E TECNOLOGIAS RELACIONADAS METODOLOGIA DE AUDITORIA PARA AVALIAÇÃO DE CONTROLES E CUMPRIMENTO DE PROCESSOS DE TI NARDON, NASI AUDITORES E CONSULTORES CobiT

Leia mais

Copersucar completa 50 anos de liderança em açúcar e etanol com planos para aumentar ainda mais sua atuação global

Copersucar completa 50 anos de liderança em açúcar e etanol com planos para aumentar ainda mais sua atuação global Copersucar completa 50 anos de liderança em açúcar e etanol com planos para aumentar ainda mais sua atuação global Exportações de açúcar da empresa devem aumentar 86% na safra 2009/2010 A Copersucar completa

Leia mais

POLÍTICA DE LOGÍSTICA DE SUPRIMENTO DO SISTEMA ELETROBRÁS. Sistema. Eletrobrás

POLÍTICA DE LOGÍSTICA DE SUPRIMENTO DO SISTEMA ELETROBRÁS. Sistema. Eletrobrás POLÍTICA DE LOGÍSTICA DE SUPRIMENTO DO SISTEMA ELETROBRÁS Sistema Eletrobrás Política de Logística de Suprimento do Sistema Eletrobrás POLÍTICA DE LOGÍSTICA DE SUPRIMENTO 4 POLÍTICA DE Logística de Suprimento

Leia mais

O Administrador e a Magnitude de sua Contribuição para a Sociedade. O Administrador na Gestão de Pessoas

O Administrador e a Magnitude de sua Contribuição para a Sociedade. O Administrador na Gestão de Pessoas O Administrador e a Magnitude de sua Contribuição para a Sociedade Eficácia e Liderança de Performance O Administrador na Gestão de Pessoas Grupo de Estudos em Administração de Pessoas - GEAPE 27 de novembro

Leia mais

Política de Logística de Suprimento

Política de Logística de Suprimento Política de Logística de Suprimento Política de Logística de Suprimento Política de Logística de Suprimento 5 1. Objetivo Aumentar a eficiência e competitividade das empresas Eletrobras, através da integração

Leia mais

Plano de Sustentabilidade da Unilever

Plano de Sustentabilidade da Unilever Unilever Plano de Sustentabilidade da Unilever Eixo temático Governança Principal objetivo da prática Para a Unilever, o crescimento sustentável e lucrativo requer os mais altos padrões de comportamento

Leia mais

Política de Sustentabilidade das empresas Eletrobras

Política de Sustentabilidade das empresas Eletrobras Política de Sustentabilidade das empresas Eletrobras 1. DECLARAÇÃO Nós, das empresas Eletrobras, comprometemo-nos a contribuir efetivamente para o desenvolvimento sustentável, das áreas onde atuamos e

Leia mais

Cidadania Global na HP

Cidadania Global na HP Cidadania Global na HP Mensagem abrangente Com o alcance global da HP, vem sua responsabilidade global. Levamos a sério nossa função como ativo econômico, intelectual e social para as Comunidades em que

Leia mais

Planejamento Estratégico PLANEJAMENTO ESTRATÉGICO. Histórico de elaboração Julho 2014

Planejamento Estratégico PLANEJAMENTO ESTRATÉGICO. Histórico de elaboração Julho 2014 Planejamento Estratégico PLANEJAMENTO ESTRATÉGICO Histórico de elaboração Julho 2014 Motivações Boa prática de gestão Orientação para objetivos da Direção Executiva Adaptação à mudança de cenários na sociedade

Leia mais

Por que escolher a Oplay Logística?

Por que escolher a Oplay Logística? Por que escolher a Oplay Logística? Porque a Oplay Logística tem soluções completas e inovadoras que a sua empresa precisa. Porque a Oplay Logística oferece serviços diferenciados desenhados de acordo

Leia mais

Private Equity ADVISORY

Private Equity ADVISORY Private Equity ADVISORY Private Equity Excelentes profissionais que trabalham em equipe, transformando conhecimento em valor, em benefício de nossos clientes. Private Equity 1 Qualidade e integridade são

Leia mais

Política de Sustentabilidade

Política de Sustentabilidade Política de Sustentabilidade Sul Mineira 1 Índice Política de Sustentabilidade Unimed Sul Mineira Mas o que é Responsabilidade Social? Premissas Básicas Objetivos da Unimed Sul Mineira Para a Saúde Ambiental

Leia mais

Os Valores e o Código ético do Grupo Pirelli

Os Valores e o Código ético do Grupo Pirelli Os Valores e o Código ético do Grupo Pirelli Os valores éticos como base da ação. Aidentidade de nosso Grupo assenta-se historicamente num conjunto de valores que foram ao longo dos anos visados e tutelados

Leia mais

Perfil. Nossa estratégia de crescimento reside na excelência operacional, na inovação, no desenvolvimento do produto e no foco no cliente.

Perfil. Nossa estratégia de crescimento reside na excelência operacional, na inovação, no desenvolvimento do produto e no foco no cliente. Institucional Perfil A ARTSOFT SISTEMAS é uma empresa Brasileira, fundada em 1986, especializada no desenvolvimento de soluções em sistemas integrados de gestão empresarial ERP, customizáveis de acordo

Leia mais

MEDICAMENTOS GENÉRICOS

MEDICAMENTOS GENÉRICOS MEDICAMENTO GENÉRICO Uma importante conquista para a saúde pública no Brasil 15 anos 15 anos , 15 ANOS DE BENEFÍCIOS PARA A SOCIEDADE BRASILEIRA. Ao completar 15 anos de existência no país, os medicamentos

Leia mais

SAM GERENCIAMENTO DE ATIVOS DE SOFTWARE

SAM GERENCIAMENTO DE ATIVOS DE SOFTWARE SAM GERENCIAMENTO DE ATIVOS DE SOFTWARE Modelo de Otimização de SAM Controle, otimize, cresça Em um mercado internacional em constante mudança, as empresas buscam oportunidades de ganhar vantagem competitiva

Leia mais

3 - Introdução. gestão hospitalar? 8 - Indicadores clínicos. 11 - Indicadores operacionais. 14 - Indicadores financeiros.

3 - Introdução. gestão hospitalar? 8 - Indicadores clínicos. 11 - Indicadores operacionais. 14 - Indicadores financeiros. 3 - Introdução 4 - Quais são as métricas para alcançar uma boa ÍNDICE As Métricas Fundamentais da Gestão Hospitalar gestão hospitalar? 8 - Indicadores clínicos 11 - Indicadores operacionais 14 - Indicadores

Leia mais

Alta performance: a base para os nossos clientes, a base para o seu futuro.

Alta performance: a base para os nossos clientes, a base para o seu futuro. Alta performance: a base para os nossos clientes, a base para o seu futuro. www.accenture.com.br/carreiras www.facebook.com/accenturecarreiras www.twitter.com/accenture_vagas Quem somos A Accenture é uma

Leia mais

CÓDIGO DE CONDUTA DA MULTIPLAN EMPREENDIMENTOS IMOBILIÁRIOS S.A.

CÓDIGO DE CONDUTA DA MULTIPLAN EMPREENDIMENTOS IMOBILIÁRIOS S.A. CÓDIGO DE CONDUTA DA MULTIPLAN EMPREENDIMENTOS IMOBILIÁRIOS S.A. O presente Código de Conduta da Multiplan Empreendimentos Imobiliários S.A. (a Companhia ), visa cumprir com as disposições do Regulamento

Leia mais

ENTIDADES AUTO-REGULADORAS DO MERCADO ESTRUTURA E FUNCIONAMENTO

ENTIDADES AUTO-REGULADORAS DO MERCADO ESTRUTURA E FUNCIONAMENTO BM&FBOVESPA A BM&FBOVESPA é muito mais do que um espaço de negociação: lista empresas e fundos; realiza negociação de ações, títulos, contratos derivativos; divulga cotações; produz índices de mercado;

Leia mais

BIC AMAZÔNIA S.A. RELATÓRIO DE DESEMPENHO SOCIAL JANEIRO DE 2015 I - APRESENTAÇÃO

BIC AMAZÔNIA S.A. RELATÓRIO DE DESEMPENHO SOCIAL JANEIRO DE 2015 I - APRESENTAÇÃO BIC AMAZÔNIA S.A. RELATÓRIO DE DESEMPENHO SOCIAL JANEIRO DE 2015 I - APRESENTAÇÃO A unidade BIC Amazônia está localizada na cidade de Manaus, no Estado do Amazonas, onde são produzidos canetas, lápis,

Leia mais

EVENTOS 2009 ENCONTRO INTERNACIONAL SOBRE SUSTENTABILIDADE NA CONSTRUÇÃO. Ruth Goldberg. 04 de junho de 2009

EVENTOS 2009 ENCONTRO INTERNACIONAL SOBRE SUSTENTABILIDADE NA CONSTRUÇÃO. Ruth Goldberg. 04 de junho de 2009 Responsabilidade Social Empresarial em Empresas Construtoras case Even Ruth Goldberg 04 de junho de 2009 Alinhando conceitos: SUSTENTABILIDADE EMPRESARIAL RESPONSABILIDADE SOCIAL EMPRESARIAL E C O N Ô

Leia mais

O caminho para o sucesso. Promovendo o desenvolvimento para além da universidade

O caminho para o sucesso. Promovendo o desenvolvimento para além da universidade O caminho para o sucesso Promovendo o desenvolvimento para além da universidade Visão geral Há mais de 40 anos, a Unigranrio investe em ensino diferenciado no Brasil para cumprir com seu principal objetivo

Leia mais

Emilio Botín: O objetivo é nos tornarmos o banco privado número um do Brasil

Emilio Botín: O objetivo é nos tornarmos o banco privado número um do Brasil Nota de Imprensa Emilio Botín: O objetivo é nos tornarmos o banco privado número um do Brasil Presidente mundial do Banco Santander apresenta em São Paulo o Plano Estratégico 2008-2010 para o A integração

Leia mais

COMO O INVESTIMENTO EM TI PODE COLABORAR COM A GESTÃO HOSPITALAR?

COMO O INVESTIMENTO EM TI PODE COLABORAR COM A GESTÃO HOSPITALAR? COMO O INVESTIMENTO EM TI PODE COLABORAR COM A GESTÃO HOSPITALAR? Descubra os benefícios que podem ser encontrados ao se adaptar as novas tendências de mercado ebook GRÁTIS Como o investimento em TI pode

Leia mais

Melhorias da Infraestrutura

Melhorias da Infraestrutura Melhorias da Infraestrutura Refino Papel e Celulose Energia Fóssil Processos Químicos Processos Industriais Conversão De Resíduos Em Energia www.azz.com/wsi Fornecedora de soluções e serviços completos

Leia mais

XXXII Congresso da Sociedade Brasileira de Medicina Farmacêutica

XXXII Congresso da Sociedade Brasileira de Medicina Farmacêutica XXXII Congresso da Sociedade Brasileira de Medicina Farmacêutica Mesa-Redonda: Responsabilidade Social Empresarial 23-24 de Novembro de 2006 Mário Páscoa (Wyeth/ Painel Febrafarma) E-mail: pascoam@hotmail.com

Leia mais

OS PRINCIPAIS PROBLEMAS DA GESTÃO DA CADEIA DE SUPRIMENTOS

OS PRINCIPAIS PROBLEMAS DA GESTÃO DA CADEIA DE SUPRIMENTOS OS PRINCIPAIS PROBLEMAS DA GESTÃO DA CADEIA DE SUPRIMENTOS Esta seção apresenta alguns dos problemas da gestão da cadeia de suprimentos discutidos em mais detalhes nos próximos capítulos. Estes problemas

Leia mais

NOSSOS PRINCÍPIOS ORIENTADORES

NOSSOS PRINCÍPIOS ORIENTADORES NOSSOS PRINCÍPIOS ORIENTADORES Por cerca de 50 anos, a série Boletim Verde descreve como a John Deere conduz os negócios e coloca seus valores em prática. Os boletins eram guias para os julgamentos e as

Leia mais

Governador Geraldo Alckmin entrega o maior laboratório destinado a pesquisas sobre o câncer da América Latina

Governador Geraldo Alckmin entrega o maior laboratório destinado a pesquisas sobre o câncer da América Latina MATEC ENGENHARIA ENTREGA O MAIOR LABORATORIO PARA PESQUISA DE CÂNCER DA AMÉRICA LATINA Qui, 14/04/11-11h00 SP ganha maior laboratório para pesquisa de câncer da América Latina Instituto do Câncer também

Leia mais

Pessoas e Negócios em Evolução

Pessoas e Negócios em Evolução Empresa: Atuamos desde 2001 nos diversos segmentos de Gestão de Pessoas, desenvolvendo serviços diferenciados para empresas privadas, associações e cooperativas. Prestamos serviços em mais de 40 cidades

Leia mais

Vivendo de acordo com nossos valores...

Vivendo de acordo com nossos valores... Vivendo de acordo com nossos valores... o jeito Kinross Nossa empresa, Kinross, é uma empresa internacional de mineração de ouro sediada no Canadá, com operações nos Estados Unidos da América, Rússia,

Leia mais

Certificação para Parceiros de Canais Axis

Certificação para Parceiros de Canais Axis Axis Communications' Academy Certificação para Parceiros de Canais Axis O mais novo requisito para Parceiros de Soluções também é um dos seus melhores benefícios. Axis Certification Program o padrão mundial

Leia mais

experiência Uma excelente alternativa em serviços de auditoria

experiência Uma excelente alternativa em serviços de auditoria experiência Uma excelente alternativa em serviços de auditoria A Íntegra é uma empresa de auditoria e consultoria, com 25 anos de experiência no mercado brasileiro. Cada serviço prestado nos diferentes

Leia mais

Compliance e a Valorização da Ética. Brasília, outubro de 2014

Compliance e a Valorização da Ética. Brasília, outubro de 2014 Compliance e a Valorização da Ética Brasília, outubro de 2014 Agenda 1 O Sistema de Gestão e Desenvolvimento da Ética Compliance, Sustentabilidade e Governança 2 Corporativa 2 Agenda 1 O Sistema de Gestão

Leia mais

Faturamento personalizado (Customer Engaged Billing)

Faturamento personalizado (Customer Engaged Billing) Faturamento personalizado (Customer Engaged Billing) Transforme suas comunicações mais lidas em participações multicanais altamente direcionadas que reduzem custos, aumentam a satisfação do cliente e geram

Leia mais

DADOS DE IDENTIFICAÇÃO

DADOS DE IDENTIFICAÇÃO 1 BUSINESS GAME UGB Eduardo de Oliveira Ormond Especialista em Gestão Empresarial Flávio Pires Especialista em Gerencia Avançada de Projetos Luís Cláudio Duarte Especialista em Estratégias de Gestão Marcelo

Leia mais

CURSOS DE PÓS - GRADUAÇÃO

CURSOS DE PÓS - GRADUAÇÃO CURSOS DE PÓS - GRADUAÇÃO ESPECIALIZAÇÃO EM ECOTURISMO Objetivo: O Curso tem por objetivo capacitar profissionais, tendo em vista a carência de pessoas qualificadas na área do ecoturismo, para atender,

Leia mais

Solução Accenture RiskControl

Solução Accenture RiskControl Solução Accenture RiskControl As rápidas transformações econômicas e sociais que marcaram a primeira década do século XXI trouxeram novos paradigmas para a gestão empresarial. As organizações ficaram frente

Leia mais

Gestão estratégica em finanças

Gestão estratégica em finanças Gestão estratégica em finanças Resulta Consultoria Empresarial Gestão de custos e maximização de resultados A nova realidade do mercado tem feito com que as empresas contratem serviços especializados pelo

Leia mais

A Academia está alinhada também aos Princípios para Sustentabilidade em Seguros UNPSI, coordenados pelo UNEP/FI órgão da ONU dedicado às questões da

A Academia está alinhada também aos Princípios para Sustentabilidade em Seguros UNPSI, coordenados pelo UNEP/FI órgão da ONU dedicado às questões da - 1 - Prêmio CNSeg 2012 Empresa: Grupo Segurador BBMAPFRE Case: Academia de Sustentabilidade BBMAPFRE Introdução A Academia de Sustentabilidade BBMAPFRE foi concebida em 2009 para disseminar o conceito

Leia mais

Governança de TI Evolução e Conceitos de Gestão da TI. Raimir Holanda raimir@tce.ce.gov.br

Governança de TI Evolução e Conceitos de Gestão da TI. Raimir Holanda raimir@tce.ce.gov.br Governança de TI Evolução e Conceitos de Gestão da TI Raimir Holanda raimir@tce.ce.gov.br Agenda Conceitos de Governança de TI Fatores motivadores das mudanças Evolução da Gestão de TI Ciclo da Governança

Leia mais

ISO 9001 Relatórios. A importância do risco em gestao da qualidade. Abordando a mudança. ISO Revisions. ISO Revisions

ISO 9001 Relatórios. A importância do risco em gestao da qualidade. Abordando a mudança. ISO Revisions. ISO Revisions ISO 9001 Relatórios A importância do risco em gestao da qualidade Abordando a mudança BSI Group BSI/UK/532/SC/1114/en/BLD Contexto e resumo da revisão da ISO 9001:2015 Como uma Norma internacional, a ISO

Leia mais

CAPITAL INTELECTUAL DA EMPRESA: PROTEÇÃO E GESTÃO DO CONHECIMENTO

CAPITAL INTELECTUAL DA EMPRESA: PROTEÇÃO E GESTÃO DO CONHECIMENTO CAPITAL INTELECTUAL DA EMPRESA: PROTEÇÃO E GESTÃO DO CONHECIMENTO Resende, J.M.; Nascimento Filho, W.G.; Costa S.R.R. INEAGRO/UFRuralRJ INTRODUÇÃO O patrimônio de uma empresa é formado por ativos tangíveis

Leia mais

EDUCAÇÃO EXECUTIVA PARA O MERCADO FINANCEIRO MAIO / 2005 108-TC-B4

EDUCAÇÃO EXECUTIVA PARA O MERCADO FINANCEIRO MAIO / 2005 108-TC-B4 1 EDUCAÇÃO EXECUTIVA PARA O MERCADO FINANCEIRO MAIO / 2005 108-TC-B4 NADINE WASSMER TREINA E-LEARNING treina@treina.com.br ROSANA GOMES CONTEÚDOS E HABILIDADES EDUCAÇÃO CORPORATIVA DESCRIÇÃO DE PROJETO

Leia mais

grandes oportunidades

grandes oportunidades Conecte-se a grandes oportunidades Carreiras sem limites Alcance além do que é possível Qualquer que seja o seu caminho, você pode ser parte das mudanças de vida para melhor no mundo todo. Uma carreira

Leia mais

Junho 2013 1. O custo da saúde

Junho 2013 1. O custo da saúde Junho 2013 1 O custo da saúde Os custos cada vez mais crescentes no setor de saúde, decorrentes das inovações tecnológicas, do advento de novos procedimentos, do desenvolvimento de novos medicamentos,

Leia mais

remuneração para ADVOGADOS advocobrasil Uma forma mais simples e estruturada na hora de remunerar Advogados porque a mudança é essencial

remuneração para ADVOGADOS advocobrasil Uma forma mais simples e estruturada na hora de remunerar Advogados porque a mudança é essencial remuneração para ADVOGADOS Uma forma mais simples e estruturada na hora de remunerar Advogados advocobrasil Não ter uma política de remuneração é péssimo, ter uma "mais ou menos" é pior ainda. Uma das

Leia mais

FACULDADE ANHANGUERA DE INDAIATUBA Rua Claudio Dal Canton, 89 - Cidade Nova II - Indaiatuba -SP - CEP 13334-390 (19) 3885-6700 www.portalpos.com.

FACULDADE ANHANGUERA DE INDAIATUBA Rua Claudio Dal Canton, 89 - Cidade Nova II - Indaiatuba -SP - CEP 13334-390 (19) 3885-6700 www.portalpos.com. A pós-graduação é fundamental para manter-se bem colocado no mercado de trabalho e para aperfeiçoar competências profissionais. Além de enriquecer o currículo, este tipo de especialização ajuda a melhorar

Leia mais

NOSSA VIDA É FACILITAR A SUA.

NOSSA VIDA É FACILITAR A SUA. NOSSA VIDA É FACILITAR A SUA. SUMÁRIO Carta do Diretor / Conselho de Administração... 03 Diretrizes... 04 Introdução... 05 Missão e Visão... 06 Valores... 07 Princípios e Condutas... 08 Comitê de Conduta

Leia mais

POLÍTICAS DE GESTÃO PROCESSO DE SUSTENTABILIDADE

POLÍTICAS DE GESTÃO PROCESSO DE SUSTENTABILIDADE POLÍTICAS DE GESTÃO PROCESSO DE SUSTENTABILIDADE 1) OBJETIVOS - Apresentar de forma transparente as diretrizes de sustentabilidade que permeiam a estratégia e a gestão; - Fomentar e apoiar internamente

Leia mais

PANORAMA DA INDÚSTRIA FARMACÊUTICA

PANORAMA DA INDÚSTRIA FARMACÊUTICA UNIVERSIDADE FEDERAL DE PERNAMBUCO CENTRO DE CIÊNCIAS DA SAÚDE DEPARTAMENTO DE CIÊNCIAS FARMACÊUTICAS LABORATÓRIO DE TECNOLOGIA DOS MEDICAMENTOS PANORAMA DA INDÚSTRIA FARMACÊUTICA Prof. Pedro Rolim PANORAMA

Leia mais

Planejamento Estratégico PLANEJAMENTO ESTRATÉGICO. Formação dos grupos de trabalho e Detalhamento das estratégias do Plano de Ação Julho 2014

Planejamento Estratégico PLANEJAMENTO ESTRATÉGICO. Formação dos grupos de trabalho e Detalhamento das estratégias do Plano de Ação Julho 2014 Planejamento Estratégico PLANEJAMENTO ESTRATÉGICO Formação dos grupos de trabalho e Detalhamento das estratégias do Plano de Ação Julho 2014 Grupos de trabalho: formação Objetivo: elaborar atividades e

Leia mais

NET SERVIÇOS DE COMUNICAÇÃO S.A. CÓDIGO DE CONDUTA

NET SERVIÇOS DE COMUNICAÇÃO S.A. CÓDIGO DE CONDUTA NET SERVIÇOS DE COMUNICAÇÃO S.A. CÓDIGO DE CONDUTA APRESENTAÇÃO Este é o Código de Conduta da Net Serviços de Comunicação S.A. e de suas controladas ( NET ). A NET instituiu este Código de Conduta norteado

Leia mais

Capítulo 1. Introdução ao Gerenciamento de Projetos

Capítulo 1. Introdução ao Gerenciamento de Projetos Capítulo 1 Introdução ao Gerenciamento de Projetos 2 1.1 DEFINIÇÃO DE PROJETOS O projeto é entendido como um conjunto de ações, executadas de forma coordenada por uma organização transitória, ao qual são

Leia mais

Mensagem do presidente

Mensagem do presidente Mensagem do presidente A giroflex-forma está em um novo momento. Renovada, focada em resultados e nas pessoas, ágil e mais competitiva no mercado de assentos e de mobiliário corporativo. Representando

Leia mais

Fulano de Tal. Relatório Combinado Extended DISC : Análise Comportamental x Feedback 360 FINXS 09.12.2014

Fulano de Tal. Relatório Combinado Extended DISC : Análise Comportamental x Feedback 360 FINXS 09.12.2014 Relatório Combinado Extended DISC : Análise Comportamental x Feedback 360 Este relatório baseia-se nas respostas apresentadas no Inventário de Análise Pessoal comportamentos observados através questionário

Leia mais

Política de Sustentabilidade das Empresas Eletrobras

Política de Sustentabilidade das Empresas Eletrobras Política de Sustentabilidade das Empresas Eletrobras Setembro de 2010 Política de Sustentabilidade das Empresas Eletrobras DECLARAÇÃO Nós, das empresas Eletrobras, comprometemo-nos a contribuir efetivamente

Leia mais

INNOVA. Soluções de software que capacitam os processadores de aves a...

INNOVA. Soluções de software que capacitam os processadores de aves a... INNOVA Soluções de software que capacitam os processadores de aves a... Maximizar o rendimento e a produtividade Estar em conformidade com os padrões de qualidade e garantir a segurança dos alimentos Obter

Leia mais

Pessoas no centro da estratégia Soluções para desafios em RH

Pessoas no centro da estratégia Soluções para desafios em RH Pessoas no centro da estratégia Soluções para desafios em RH Os papéis do executivo de RH Pessoas são os principais ativos de uma empresa e o executivo de Recursos Humanos (RH), como responsável por administrar

Leia mais

Porque Educação Executiva Insper

Porque Educação Executiva Insper 1 Porque Educação Executiva Insper A dinâmica do mundo corporativo atual exige profissionais multidisciplinares, capazes de interagir e formar conexões com diferentes áreas da empresa e entender e se adaptar

Leia mais

2.3. Governança Corporativa 23 2.4. Ética e Compliance 26 2.5. Reconhecimento 28

2.3. Governança Corporativa 23 2.4. Ética e Compliance 26 2.5. Reconhecimento 28 Índice 1. Mensagem aos Públicos de Relacionamento (Stakeholders) 4 2. Perfil da Organização 8 2.1. Grupo Roche 1 2.2. Roche no Brasil 16 2.3. Governança Corporativa 23 2.4. Ética e Compliance 26 2.5. Reconhecimento

Leia mais

Gestão de Departamentos Jurídicos Porque Educação Executiva Insper Cursos de Curta e Média Duração

Gestão de Departamentos Jurídicos Porque Educação Executiva Insper Cursos de Curta e Média Duração 1 Porque Educação Executiva Insper A dinâmica do mundo corporativo atual exige profissionais multidisciplinares, capazes de interagir e formar conexões com diferentes áreas da empresa e entender e se adaptar

Leia mais

Migração de sistemas antigos. Avançando para um futuro competitivo

Migração de sistemas antigos. Avançando para um futuro competitivo Migração de sistemas antigos Avançando para um futuro competitivo A automação e controle é um dos mais importantes investimentos para garantir o sucesso da manufatura de qualquer indústria. Porém, por

Leia mais

Gerenciamento Estratégico e EHS Uma parceria que dá certo

Gerenciamento Estratégico e EHS Uma parceria que dá certo Gerenciamento Estratégico e EHS Uma parceria que dá certo INTRODUÇÃO O Balanced Scorecard (BSC) é uma metodologia desenvolvida para traduzir, em termos operacionais, a Visão e a Estratégia das organizações

Leia mais

Respeitamos o fato de que cada cliente tem diferentes necessidades e demandas. Nosso objetivo é simplificar o complexo mercado de capitais e

Respeitamos o fato de que cada cliente tem diferentes necessidades e demandas. Nosso objetivo é simplificar o complexo mercado de capitais e Respeitamos o fato de que cada cliente tem diferentes necessidades e demandas. Nosso objetivo é simplificar o complexo mercado de capitais e proporcionar atendimento personalizado, sem perder de vista

Leia mais

EMC Consulting. Estratégia visionária, resultados práticos. Quando a informação se reúne, seu mundo avança.

EMC Consulting. Estratégia visionária, resultados práticos. Quando a informação se reúne, seu mundo avança. EMC Consulting Estratégia visionária, resultados práticos Quando a informação se reúne, seu mundo avança. Alinhando TI aos objetivos de negócios. As decisões de TI de hoje devem basear-se em critérios

Leia mais

Uma visão abrangente dos negócios. Solução para superar barreiras e otimizar recursos na sua empresa

Uma visão abrangente dos negócios. Solução para superar barreiras e otimizar recursos na sua empresa Uma visão abrangente dos negócios Solução para superar barreiras e otimizar recursos na sua empresa Negócios sem barreiras O fenômeno da globalização tornou o mercado mais interconectado e rico em oportunidades.

Leia mais

SISTEMAS DE GESTÃO - ERP

SISTEMAS DE GESTÃO - ERP A IMPORTÂNCIA DA CONSULTORIA NA SELEÇÃO / IMPLANTAÇÃO DE SISTEMAS DE GESTÃO - ERP Para as corporações, as mudanças são absorvidas pelas equipes internas, envolvendo tecnologia, contabilidade, logística

Leia mais

Norma Permanente 4.1. GOVERNANÇA E GESTÃO 4.2. PRINCÍPIOS 4.3. INVESTIMENTO SOCIAL PRIVADO E INCENTIVADO

Norma Permanente 4.1. GOVERNANÇA E GESTÃO 4.2. PRINCÍPIOS 4.3. INVESTIMENTO SOCIAL PRIVADO E INCENTIVADO Resumo: Reafirma o comportamento socialmente responsável da Duratex. Índice 1. OBJETIVO 2. ABRANGÊNCIA 3. DEFINIÇÕES 3.1. PARTE INTERESSADA 3.2. ENGAJAMENTO DE PARTES INTERESSADAS 3.3. IMPACTO 3.4. TEMAS

Leia mais

ANEXO I PLANEJAMENTO ESTRATÉGICO 2014-2020

ANEXO I PLANEJAMENTO ESTRATÉGICO 2014-2020 ANEXO I PLANEJAMENTO ESTRATÉGICO 2014-2020 1 Missão 2 Exercer o controle externo da administração pública municipal, contribuindo para o seu aperfeiçoamento, em benefício da sociedade. Visão Ser reconhecida

Leia mais

Código de Conduta Ética

Código de Conduta Ética Código de Conduta Ética Jeito de Ser Índice 3 Introdução 3 Carta do Presidente 3 Missão do Grupo Marisa 3 Valores do Grupo Marisa 3 Código de Conduta Ética v Áreas de Relacionamento Colaboradores Fornecedores

Leia mais

FACULDADE REDENTOR NUCLEO DE APOIO EMPRESARIAL CURSO DE ADMINISTRAÇÃO

FACULDADE REDENTOR NUCLEO DE APOIO EMPRESARIAL CURSO DE ADMINISTRAÇÃO FACULDADE REDENTOR NUCLEO DE APOIO EMPRESARIAL CURSO DE ADMINISTRAÇÃO Justificativa: As transformações ocorridas nos últimos anos têm obrigado as organizações a se modificarem constantemente e de forma

Leia mais

SCRUM. Desafios e benefícios trazidos pela implementação do método ágil SCRUM. Conhecimento em Tecnologia da Informação

SCRUM. Desafios e benefícios trazidos pela implementação do método ágil SCRUM. Conhecimento em Tecnologia da Informação Conhecimento em Tecnologia da Informação SCRUM Desafios e benefícios trazidos pela implementação do método ágil SCRUM 2011 Bridge Consulting Apresentação Há muitos anos, empresas e equipes de desenvolvimento

Leia mais

um RH estratégico para hoje e para o futuro Construindo

um RH estratégico para hoje e para o futuro Construindo Construindo um RH estratégico para hoje e para o futuro ado o crescente foco executivo no capital humano, o RH tem uma oportunidade sem precedentes de se posicionar como um verdadeiro parceiro estratégico

Leia mais