Perfil da Organização

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Perfil da Organização"

Transcrição

1 03 Perfil da Organização A Roche é referência global em inovação e em pesquisas e desenvolvimento de medicamentos e produtos de diagnósticos com tecnologia de ponta. 8 Roche - Relatório de Sustentabilidade 2011 Perfil da Organização 9

2 3.1. O Grupo Roche GRI 2.2, 2.4, 2.5, 2.7, 2.8, 2.9 A Roche é uma das líderes mundiais na pesquisa de produtos para a saúde, atuando fortemente e de modo combinado nas áreas farmacêutica e de diagnóstico. Fundada em 1896, com sede em Basileia, na Suíça, a Roche é uma das líderes mundiais na pesquisa de produtos para a saúde, atuando fortemente e de modo combinado nas áreas farmacêutica e de diagnóstico. A Roche é a maior empresa de biotecnologia do mundo, e tem medicamentos realmente diferenciados para as áreas de oncologia, virologia, inflamação, metabolismo e sistema nervoso central. Além disso, a Roche é líder mundial em diagnóstico in vitro e no diagnóstico tecidual de câncer e pioneira no tratamento do diabetes. A estratégia de medicina personalizada da Roche tem como foco o fornecimento de medicamentos e ferramentas de diagnóstico que possibilitem melhoras tangíveis na saúde, qualidade de vida e sobrevida dos pacientes. O Grupo registrou vendas de 42,5 bilhões de francos suíços (80,1 bilhões de reais). A Genentech, nos Estados Unidos, é uma subsidiária integral do Grupo Roche. A empresa tem participação majoritária na Chugai Pharmaceutical, do Japão. Atualmente, a Roche dispõe, por meio de seus estudos em novos medicamentos biológicos, de 13 moléculas em estágio avançado de desenvolvimento, sendo sete delas utilizadas em tratamentos de medicina personalizada. Em 2011, a empresa apresentou resultados financeiros excelentes, apesar da crise econômica mundial e do ambiente desafiador, que colocou o setor de saúde sob diversas pressões. Ainda assim, a Roche continuou investindo fortemente em pesquisa 8,07 bilhões de francos suíços (15,2 bilhões de reais) durante o ano, o que equivale a aproximadamente 20% das suas vendas, mantendo seu compromisso com a inovação Missão GRI 4.8 O objetivo da Roche, como empresa líder no setor da saúde, é criar, produzir e comercializar soluções inovadoras de alta qualidade, que atendam às necessidades médicas. Seus produtos e serviços auxiliam na prevenção, no diagnóstico e no tratamento de doenças, melhorando, assim, a saúde e a qualidade de vida das pessoas. A empresa atua com responsabilidade e ética, comprometendo-se com o desenvolvimento sustentável e com o respeito às necessidades do indivíduo, da sociedade e do meio ambiente. 10 Roche - Relatório de Sustentabilidade 2011

3 Valores GRI 4.8 A Roche abraça a diversidade de cultura e compartilha três valores fundamentais, presentes na sua essência: Integridade: Somos abertos, honestos, éticos e autênticos, de maneira consistente. Coragem: Somos empreendedores, portanto, assumimos riscos e ultrapassamos limites. Paixão: Utilizamos a nossa motivação e dedicação para estimular, envolver e inspirar os outros Modelo de negócio e estratégia do Grupo Roche Desde a sua fundação, em 1896, a missão da Roche permanece praticamente inalterada, mantendo como seus principais objetivos melhorar a saúde e ajudar os pacientes a viver mais e melhor. O espírito empreendedor e a inventividade de seus fundadores definem, até hoje, a cultura da organização. Essas características representam a base para avanços médicos promovidos pela empresa. Durante a última década, a Roche tem seguido uma estratégia de desenvolvimento de medicamentos e produtos para diagnósticos diferenciados, capazes de oferecer valor para todo o sistema de saúde. Modelo Estratégico do Grupo (O que fazemos) Modelo de Gestão do Grupo (Como gerenciamos) Nosso foco Adequar o tratamento ao paciente Nossas Pessoas Integridade. Coragem. Paixão O que nos distingue Excelência em ciência Nosso processo de decisão Responsabilidade e transparência Nossos resultados Valor para todos os stakeholders Nossa estrutura Feita para inovar Foco na inovação em produtos farmacêuticos e de diagnósticos A Roche está convencida de que a inovação em saúde é o meio para oferecer produtos com melhor custo-benefício para seus clientes. O alinhamento estratégico da organização em torno das duas divisões (Farmacêutica e Diagnóstica) e o incentivo à colaboração interdivisional por meio da cadeia de valor permitem à Roche ter uma vantagem competitiva diferenciada: oferecer terapias especializadas com valor médico e econômico maior do que os praticados no mercado. Cada divisão, entretanto, mantém suas especificidades, contando com gestão e objetivos distintos. A Divisão Farmacêutica se esforça para descobrir e desenvolver terapias-alvo pioneiras e melhores que as existentes, por meio de um alto investimento em Pesquisa e Desenvolvimento e foco nas seguintes áreas estratégicas: oncologia, virologia, doenças inflamatórias e autoimunes, doenças cardiovasculares e metabólicas, e doenças do sistema nervoso central. A Divisão Diagnóstica é a primeira do mundo em diagnósticos in vitro, tendo um market-share global de 20%. Seu sucesso contínuo está atrelado à inovação contínua com novos lançamentos, alta tecnologia dos seus sistemas e ao valor médico de seus testes. Perfil da Organização 11

4 Cuidado de saúde personalizado Partindo da ideia de que as pessoas reagem de maneira diferente aos medicamentos devido à variação em sua composição genética, a Roche foca, cada vez mais, seu trabalho em soluções de medicina personalizada. Para isso, a empresa combina seus conhecimentos em diagnósticos e farmacologia, o que permite a atuação em todas as fases de um tratamento de saúde: prevenção, diagnóstico, tratamento e monitoramento de doenças. Assim, é possível perceber quais pacientes reagem melhor aos tratamentos, melhorando a relação custo-benefício, aumentando a eficácia da investigação diagnóstica, diminuindo os riscos de efeitos colaterais e melhorando a qualidade de vida dos pacientes. Ou seja, com o foco em medicina personalizada, a Roche oferece aos pacientes soluções completas e mais precisas, por meio de diagnósticos precoces e tratamentos mais eficazes. Sustentabilidade e criação de valor compartilhado A maior contribuição da Roche para a sociedade é o desenvolvimento de produtos que sejam bem sucedidos em termos médicos e comerciais, com criação de valor compartilhado junto a todos os seus stakeholders. Assim, a capacidade da companhia de melhorar a vida dos pacientes está largamente relacionada à sua habilidade de integrar os elementos da sustentabilidade por meio de suas operações e de sua cultura, buscando aumentar o acesso de seus produtos a um maior número de pessoas. Dessa forma, a Roche trabalha com os conceitos de sustentabilidade de maneira transversal em todas as suas atividades, coordenando esses esforços por meio do Comitê de Sustentabilidade. Empoderamento, capacitação e incentivo à inovação A Roche conta com uma rede global de centros de investigação especializados, operando com um elevado grau de autonomia. Além disso, a Roche Farmacêutica tem parceria com diversas empresas em todo o mundo em projetos de capacitação e inovação. Essa abordagem reflete a visão da companhia de que a pesquisa inovadora decorre do surgimento de novas ideias e de que isso pode acontecer mais facilmente em uma empresa com uma rede diversificada de parceiros. Dessa forma, é possível levar experiência e conhecimento a seus diversos públicos de relacionamento, desde parceiros a colaboradores. Utilização de vasto conhecimento em biologia molecular O entendimento da Roche sobre biologia molecular a levou a fazer um investimento significativo em engenharia genética e ciências moleculares, enquanto essas abordagens ainda eram muito recentes. Hoje, a Roche é uma empresa de biotecnologia reconhecida mundialmente, com 14 produtos biológicos no mercado, que constituem 65% da carteira de produtos da companhia, índice que, no mercado, se restringe a 16%. Na área de diagnóstico molecular, a Roche utiliza a tecnologia PCR (reação em cadeia da polimerase), sendo uma referência neste mercado. 12 Roche - Relatório de Sustentabilidade 2011

5 Principais destaques do Grupo Roche de 2011 Sustentabilidade Classificação da Roche como Líder do Supersetor de Saúde no Índice Dow Jones de Sustentabilidade, pelo terceiro ano consecutivo. Melhora no impacto eco-balance* por colaborador de 4.3%, buscando atingir a meta de diminuir em 15% o impacto da companhia até Redução de 7,7% do consumo de energia. Envolvimento com a comunidade Início da construção de duas escolas, uma no Haiti e a outra no Paquistão, locais devastados devido a desastres naturais. Início do projeto de construção de um colégio de formação de professores no Malawi, que pretende formar 540 professores até Nossa Gente Primeira pesquisa global com os funcionários da Roche com taxa média de participação de 80%. Aumento do número de mulheres em posição de liderança de 13% em 2009 para 18% em 2011, seguindo a meta de chegar a 50% em Pesquisa e Desenvolvimento Excelente progresso no pipeline: 17 de 20 ensaios com resultados positivos, 24 aprovações de medicamentos-chave, 21 aprovações regulatórias; 50 testes diagnósticos e 13 instrumentos lançados nos principais mercados. Fortalecimento da posição de liderança em medicina personalizada com o lançamento do Zelboraf (vemurafenibe) e teste de melanoma relacionado nos EUA. As Divisões Farmacêutica e Diagnóstica colaboraram em mais de 200 projetos em todas as áreas terapêuticas de interesse da Roche. Cadeia de Produção Estabelecimento de um protocolo unificado de auditoria de sustentabilidade para fornecedores, junto com outros membros da indústria farmacêutica. Mercado e acesso Manutenção da exploração de modelos de precificação diferenciados para aumentar o acesso aos medicamentos Roche em mercados emergentes, como Programa de Assistência ao Paciente na China. Realização da terceira International Experience Exchange, evento anual para 130 organizações de pacientes compartilharem desafios, melhores práticas e desenvolverem uma rede de relacionamentos. Resultados Financeiros e de Negócio Crescimento de vendas do Grupo de 2%, excluindo-se o Tamiflu (fosfato de oseltamivir). Crescimento do faturamento da Diagnóstica de 6%, significativamente acima da média do mercado. Crescimento de 6% do lucro operacional, maior do que as vendas, em decorrência principalmente das economias geradas pelo Programa de Excelência Operacional e pelas melhorias contínuas de produtividade. *o eco-balance é uma métrica criada pela Agência Suíça de Meio Ambiente (ou BundesamtfürUmwelt AFU) que pesa as emissões de gases de efeito estufa e de efluentes, a geração de resíduos, o consumo de energia, água e matéria-prima. Perfil da Organização 13

6 Resultados Financeiros do Grupo GRI EC1 Em 2011, o Grupo Roche apresentou resultados muito positivos, apesar de o ano ter sido marcado por crises econômicas e constante retração da demanda. O lucro operacional cresceu mais rápido que as vendas e os ganhos por ação (EPS- Earning Per Share) cresceram a uma taxa de 11%. Também houve aumento de 1% nas vendas do Grupo em câmbio constante (-10% em francos suíços e +5% em dólares americanos), resultando em um total de 42,5 bilhões de francos suíços (80,1 bilhões de reais). Apesar da queda das vendas de Avastin (bevacizumabe) e Tamiflu (fosfato de oseltamivir), menos utilizado a partir do fim do surto da gripe A, causada pelo vírus H1N1, além dos impactos das reformas nos sistemas de saúde, medidas de austeridade e corte nos preços, o aumento da venda de outros produtos compensou a situação desafiadora. A Divisão Farmacêutica representou 77% das vendas do Grupo, enquanto a Diagnóstica contribuiu com 23%. O crescimento das vendas da Divisão Farmacêutica foi fortemente impulsionado pelos mercados emergentes, pela crescente demanda de produtos-chave em certos países da Ásia e América Latina, notadamente a China (+34%), a Venezuela (+76%) e o Brasil (+12%). Na Roche Diagnóstica, com 20% de participação de mercado, o crescimento de 6% em moedas locais garantiu a liderança da divisão no mercado global de IVD (In Vitro Diagnostics), resultado puxado principalmente pela área de Professional Diagnostics, segmento com forte desempenho em imunoensaios e colocação de equipamentos. Por outro lado, o fortalecimento do franco suíço frente ao dólar e ao euro teve impacto negativo para os resultados do Grupo, que são expressos na moeda suíça. 14 Roche - Relatório de Sustentabilidade 2011

7 3.2. Roche Brasil A Roche no Brasil completou 80 anos em 2011, oferecendo ao mercado brasileiro produtos farmacêuticos e de diagnósticos com tecnologia de ponta, auxiliando na elevação da qualidade de vida da população. Por meio da medicina personalizada, a Roche Brasil também tem aumentado o acesso de seus produtos nos mercados público e privado, contribuindo para uma abordagem completa e individualizada do ciclo terapêutico. Desempenho Econômico da Roche no Brasil GRI EC1 A Roche Brasil também apresentou resultados financeiros muito positivos em As vendas das duas Divisões no Brasil somaram R$ 2,51 bilhões, sendo R$ 1,98 bilhão as vendas da Farmacêutica e R$ 529,3 milhões as da Diagnóstica. As outras receitas operacionais da Farmacêutica totalizaram R$ 10,7 milhões e as da Diagnóstica R$ 48,1 milhões. Tanto a Divisão Farmacêutica como a Divisão Diagnóstica cresceram acima das taxas do mercado e aumentaram o market-share de seus principais produtos. Esse crescimento consolidou a Roche Farmacêutica na sexta posição entre as subsidiárias globais e colocou o Brasil como o segundo país que mais cresce, atrás somente da China. Já a Roche Diagnóstica Brasil atingiu a liderança absoluta do mercado brasileiro de diagnóstico laboratorial, sendo atualmente uma das dez maiores afiliadas globais. Perfil da Organização 15

8 Desempenho Econômico da Roche Brasil Divisão Diagnóstica Divisão Farmacêutica Valor Econômico Gerado (mil reais) Receitas Vendas líquidas receitas provenientes de investimentos financeiros Venda de ativos Valor Econômico Distribuído (mil reais) Custos Operacionais Salários e benefícios aos empregados Pagamento aos provedores de capital Pagamentos ao Governo Investimentos na comunidade e na sociedade Pagamentos para fornecedores Aluguel de propriedade Taxas de licença Custos de treinamento de empregados (com contratação de instrutores/empresas externos) Equipamentos de proteção para empregados Outros Total da folha de pagamento Total de benefícios Dividendos para todos os acionistas Pagamentos de juros a instituições financeiras Impostos brutos Multas pagas Doações voluntárias Patrocínio a serviços ou programas Roche Farmacêutica GRI 2.1, 2.2, 2.3, 2.4, 2.5, 2.6, 2.7, 2.8 A Roche Farmacêutica foi instituída formalmente no Brasil em 1931, como Produtos Roche Químicos e Farmacêuticos S.A. Com o objetivo de contribuir para ampliar o acesso da população brasileira a medicamentos, disseminar informações e conhecimento e atuar de maneira ética e transparente, a Divisão Farmacêutica da Roche no Brasil participa do desenvolvimento e concentra-se na comercialização de medicamentos de última geração nas suas áreas de atuação. Empregando funcionários em suas três unidades, a empresa atua como sociedade anônima de capital fechado e tem sua sede administrativa na unidade Jaguaré, na capital paulista. No Rio de Janeiro (RJ), está instalada a Unidade Industrial de Jacarepaguá, fábrica na qual são produzidos medicamentos que geram cerca de 20% das vendas da filial brasileira. De lá, desde 2009, também são feitas exportações de Marcoumar (femprocumona) para Alemanha, Áustria, Bélgica, Dinamarca, Holanda, Luxemburgo, Suécia e Suíça, e de Bactrim (sulfametoxazol + trimetoprima) para a Itália. A unidade brasileira ainda atende a 22 países da América Latina, entre eles Argentina, Chile, Colômbia, Costa Rica, Equador, México, Uruguai e Venezuela, exportando 60 produtos, com 300 apresentações diferentes. Em Anápolis (GO), localizase o Centro de Distribuição e Armazenamento, que é responsável pela distribuição de medicamentos para o mercado nacional. 16 Roche - Relatório de Sustentabilidade 2011

9 Unidades de Negócios Áreas de atuação Principais medicamentos Oncologia & Hematologia Medicamentos inovadores para o tratamento do câncer colorretal, de mama, de pulmão, melanoma e linfoma. Medicamentos que atuam como fator de crescimento, utilizados em terapia de suporte. Avastin (bevacizumabe) Herceptin (trastuzumabe) MabThera (rituximabe) Tarceva (cloridrato de erlotinibe) Xeloda (capecitabina) Zelboraf (vemurafenibe) Virologia & Sistema Nervoso Central Medicamentos para o tratamento de hepatites B e C, Aids, fibrose cística, infecções em pacientes transplantados e doença de Parkinson. Fuzeon (enfuvirtida) Pegasys (alfapeginterferona 2a) Prolopa (levodopa + cloridrato de benserazida) Pulmozyme (alfadornase [rhdnase]) Valcyte (cloridrato de valganciclovir) Imunologia/ Inflamação tratamentos de última geração para doenças reumáticas. Actemra (tocilizumabe) MabThera (rituximabe) Outros Produtos segmentos de metabolismo (osteoporose, obesidade e prevenção de diabetes), sistema nervoso central, dermatologia, entre outros. Bonviva (ibandronato de sódio) Rivotril (clonazepam) Roacutan (isotretinoína) Tamiflu (fosfato de oseltamivir) Xenical (orlistate) Roche Diagnóstica GRI 2.1, 2.2, 2.3, 2.4, 2.5, 2.6, 2.7, 2.8, 2.9 Criada no Brasil em 1972, a Roche Diagnóstica Brasil Ltda. emprega 312 funcionários. Desenvolvendo produtos e serviços, a Divisão tem o objetivo de proporcionar mais conforto aos pacientes, benefícios clínicos e precisão na tomada de decisão, além do melhor uso dos recursos financeiros. Assim, tornouse referência em testes e serviços profissionais de detecção de patologias, que vão desde os procedimentos de análises clínicas em laboratórios hospitalares, de urgência, diagnóstico molecular, diagnósticos para cuidados primários de saúde, testes em tecidos em laboratórios de patologia, até sistemas para o monitoramento e controle de diabetes. Baseada em conceitos de automação e alta tecnologia, a Roche Diagnóstica importa equipamentos e testes dos centros de produção da Europa e dos Estados Unidos atender ao mercado nacional, oferecendo um grande portfólio de produtos exclusivos, serviços e testes inovadores para pesquisadores, médicos, pacientes, hospitais e laboratórios. Em 2011, a Roche Diagnóstica realizou investimentos em equipamentos médicos em um total de R$ 52,8 milhões. Devido a esse investimento e a outras ações desenvolvidas na Divisão, no final do ano, a Roche Diagnóstica Brasil comemorou ótimos resultados: teve um aumento de 8,8% nas vendas e passou a ser líder do mercado de diagnósticos in vitro, com 20% de participação no mercado de diagnósticos in vitro e 67% do mercado privado de tiras de medição de glicemia. Perfil da Organização 17

10 No Brasil, a Roche Diagnóstica possui atualmente cinco Unidades de Negócio: Roche Professional Diagnostics (RPD), Roche Diabetes Care (RDC), Roche Molecular Diagnostics (RMD), Roche Applied Science (RAS) e Roche Tissue Diagnostics (RTD). A divisão mantém a sua sede administrativa na unidade Jaguaré, em São Paulo (SP), onde funciona o Centro de Treinamento para orientação sobre o manuseio de equipamentos. O novo centro de logística e distribuição de produtos e equipamentos, instalado no UNIDADES DE NEGÓCIOS ÁREAS DE ATUAÇÃO PRINCIPAIS TESTES PRINCIPAIS EQUIPAMENTOS DIAGNÓSTICO PROFISSIONAL Tem como foco os serviços profissionais de diagnóstico, distribuídos em quatro segmentos principais: Soluções utilizadas no local de atendimento ao paciente (soluções descentralizadas); Soluções completas para pequenas, médias e grandes rotinas de laboratórios, com equipamentos modulares, reagentes e marcadores (soluções centralizadas e testes especiais); Serviços especializados para o atendimento da área médica laboratorial, além de treinamento técnico e científico (professional services); Consultoria laboratorial e tecnologia da informação. Áreas Clínicas: Química clínica Imunologia Hematologia Coagulação Urianálises Marcadores Cardíacos Hepatites Virais Marcadores Tumorais Fertilidade Hormônios Marcadores Ósseos Hemograma Contagem de Reticulócitos cobas 4000/ 6000/ 8000 cobas c 111 cobas b 121/123/221 cobas h 232 cobas u 411 cobas p 312/ 512 / 612 cobas p 501/ 701 Modular pre-analytics CoaguChek AccuTrend XS-800i/1000i XT-1800i/2000i/400i Urisys 2400 XE 2100/5000 SP-1000I HST-N UF-1000i DIABETES Líder mundial em soluções para pessoas com diabetes, como sistemas práticos, portáteis e de fácil utilização, comercializados sob a marca Accu-Chek. Também oferece sistemas de infusão contínua de insulina, softwares e demais dispositivos de gerenciamento e controle dos níveis de glicemia no sangue. Accu-Chek 360 Accu-Chek Active Accu-Chek Performa Accu-Chek Performa Nano Accu-Chek Smart Pix Accu-Chek Spirit Accu-Chek Nano Accu-Chek Combo 18 Roche - Relatório de Sustentabilidade 2011

11 Parque da Saúde da cidade de Itajaí (SC), deu início a suas atividades em 2011, ficando responsável pelo fluxo de materiais e operações logísticas, bem como pelo manuseio de novos equipamentos e reagentes importados pela empresa. Com isso, desde 2011, permaneceram em Itapevi, na Grande São Paulo, as operações de reparo de instrumentos, treinamento de engenharia e armazenagem de peças (ver mais sobre a nova unidade no capítulo Engajamento de Stakeholders, tópico Parceria com o Governo do Estado de Santa Catarina). UNIDADES DE NEGÓCIOS ÁREAS DE ATUAÇÃO PRINCIPAIS TESTES PRINCIPAIS EQUIPAMENTOS DIAGNÓSTICO MOLECULAR Pré-analíticos e sistemas de diagnóstico molecular com total automação, que conferem maior segurança para o laboratório liberar os resultados com confiança no menor tempo possível. Equipamentos com acesso remoto Soluções completas para pequenas, médias e grandes rotinas Consultoria laboratorial para desenvolvimento de projetos dedicados à realidade de cada laboratório Assessoria científica e técnica em todo o território brasileiro e dedicada na central de atendimento (CARD) Virologia: HIV, HCV, HCV, EBV, VZV, Herpes 1/ 2 e CMV Saúde da Mulher: HPV, Genotipagem de HPV, CT e NG Microbiologia: Teste para causadores de Sepse, MTB, MRSA e VRE** Bancos de sangue: Teste NAT Multiplex Completo (HIV-1 grupo M e O, HIV-2, HCV e HBV); Testes NAT Duplex (Parvovirus B19 Quanti e HAV Quali) Genômica e Oncologia: polimorfismos da CYP 450, t9/22, K-RAS, EGFR, BRAF, fator II e V cobas TaqMan (Virologia) cobas Ampliprep (Virologia) cobas s 201 (Banco de Sangue) cobas 4800 (Saúde da Mulher e Oncologia) Light Cycler (Microbiologia e Genômica) CIÊNCIAS DA VIDA Fornecedora de reagentes e de equipamentos para pesquisas em biotecnologia, principalmente em genômica e celômica, áreas da ciência que vêm transformando conhecimentos, dando nova dimensão ao tratamento das doenças. Sequenciamento PCR em tempo real Extração de ácidos nucleicos Análise celular em tempo real Marcação não radiativa Transfecção celular GS Flex GS Junior Light Cycler MagnaPure DIAGNÓSTICO DE TECIDO Fornece sistemas automatizados de diagnóstico ao segmento de anatomia patológica. Seus sistemas de reagentes e instrumentos são utilizados em histologia clínica, em citologia e em laboratórios de pesquisa de fármacos. Com a automação e a integração de sistemas, a empresa oferece soluções para padronizar e aperfeiçoar os processos de coloração de lâminas, auxiliando os patologistas no diagnóstico mais preciso e na recomendação de tratamentos mais adequados aos pacientes. Anti-Ki67 (clone 30-9) Anti-progesterona (clone 1E2) Anti-estrógeno (clone sp1) Anti-HER2 (clone 4B5) Hibridização In Situ para Her-2 BenchMark GX BenchMark XT BenchMark ULTRA Nexes Special Stains Perfil da Organização 19

12 Principais destaques de 2011 da Roche Brasil Principais destaques de 2011 da Roche Brasil Sustentabilidade Criação do Comitê de Sustentabilidade Roche Brasil. Certificação das operações da Roche Diagnóstica no Brasil com ISO 9001 Envolvimento com a comunidade Nossa Gente Realização da Pesquisa de Avaliação do Programa Vizinho Legal 10 anos Realização da pesquisa GEOS - a primeira pesquisa de opinião global para funcionários Programa Líderes Construindo o Futuro e Programa Vivendo a Visão (Roche Farmacêutica); e Programa de Alinhamento de Competências Essenciais PACE (Roche Diagnóstica) Pesquisa e Desenvolvimento Aumento de 10,5% de investimento em pesquisas clínicas no último ano Cadeia de Produção Os contratos com os distribuidores da Roche Diagnóstica foram alterados e passaram a incluir também as diretrizes do Código de Conduta de Fornecedores e dessa forma cláusulas de direitos humanos e legislação trabalhista Mercado e acesso Em 2011, na Prefeitura de Campinas, o laboratório municipal foi reestruturado e automatizado por meio de uma parceria com a Roche Diagnóstica e hoje oferece equipamentos e serviços de ponta gratuitamente aos moradores da cidade. A Roche Farmacêutica patrocinou o registro de pacientes Biobadabrasil, promovido pela Sociedade Brasileira de Reumatologia. Em 2011, este registro obteve dados de mais de pacientes, em comparação com em Participação da Roche Farmacêutica nas discussões e na consulta pública para a aplicação da nova regulamentação brasileira para medicamentos biológicos e biossimilares. Resultados Financeiros e de Negócio A Roche Farmacêutica no Brasil tornou-se a sexta filial em faturamento e a segunda que mais cresce entre as afiliadas do Grupo. A Roche Diagnóstica Brasil passou a ser líder do mercado de diagnósticos in vitro, com 20% de participação no mercado de diagnóstico in vitro e 67% do mercado privado de tiras de medição de glicemia. Registros e Regulamentações Aprovação do registro no Brasil pela Anvisa do medicamento Zelboraf (vemurafenibe) e do teste diagnóstico cobas 4800 BRAF V600 para melanoma metastático. 20 Roche - Relatório de Sustentabilidade 2011

13 Governança Corporativa GRI 4.1, 4.2, 4.3, 4.4, 4.6, 4.7, 4.9, 4.10, 4.11, LA13 No Brasil, as Divisões Farmacêutica e Diagnóstica mantêm estruturas de governança distintas, em função de como os seus negócios estão organizados juridicamente. A Divisão Farmacêutica atua no Brasil como uma sociedade anônima de capital fechado, não realizando operações em bolsa de valores. Já a Divisão Diagnóstica organiza-se como empresa limitada, contando com quatro diretores estatutários. Embora o corpo diretivo local das duas divisões tenha autonomia na gestão dos negócios, as diretrizes estratégicas e o planejamento orçamentário são aprovados internacionalmente. Comitês Executivos Há um Comitê Executivo em cada Divisão (Farmacêutica e Diagnóstica), formados por seus respectivos presidentes, diretores e gerentes, com reporte ao presidente. Suas principais funções são: garantir o alinhamento da organização com o modelo estratégico da Roche, difundindo seus valores e competências; gerir e decidir sobre temas legais e operacionais referentes à afiliada; aprovar planos orçamentários anuais e seu monitoramento regular e assegurar a excelência operacional e compliance da afiliada com as normas do Grupo e regulações locais. Comitê de Compliance Na Roche Brasil há um único Comitê de Compliance, que atua junto às duas divisões. Ele foi reestruturado em 2011 e, atualmente, é composto pelos dois Presidentes, pelos Compliance Officers da Roche Brasil (um de cada divisão) e por um dos diretores de Recursos Humanos. Esse diretor será o da Farmacêutica, para os casos de compliance da Diagnóstica e vice-versa. As decisões nesse comitê são tomadas de forma consensual (ver mais no capítulo Engajamento e Diálogo com Stakeholders, tópico Atuação Ética e Compliance). Comitê de Sustentabilidade Em 2011 foi criado o Comitê de Sustentabilidade, reunindo representantes das áreas mais estratégicas da Roche Diagnóstica e da Roche Farmacêutica. Esse Comitê começa a atuar em 2012 e se reporta aos sponsors, formados pelos presidentes das duas empresas, pela diretora de Recursos Humanos e pelo diretor da Unidade Industrial da Divisão Farmacêutica. Seu principal objetivo é garantir o cumprimento das boas práticas em todas as áreas e atividades da empresa e agregar valor à atuação da Roche Brasil, enraizando preceitos da sustentabilidade na gestão. Dessa forma, o comitê trará para a Roche Brasil a sustentabilidade como parte integrante de sua governança corporativa e passará a ser o responsável por definir a estratégia da organização para questões relacionadas a temas econômicos, ambientais e sociais e também pelas avaliações de desempenho em relação às metas estabelecidas para esses aspectos, identificando os principais riscos e oportunidades. Área de Projetos Especiais da Divisão Farmacêutica A área de Projetos Especiais é parte da governança da Roche Farmacêutica e é responsável por gerenciar o portfólio de projetos voltados ao negócio, desde a formulação estratégica até o seu desdobramento em projetos. Assim, é possível garantir que a organização tenha métodos e práticas padronizados, porém flexíveis, para a gestão, visando o alinhamento do escopo dos projetos aos objetivos estratégicos da companhia. Em 2011, foi realizado um extenso mapeamento de todos os processos-chave internos da Diretoria de Desenvolvimento de Negócios sendo possível identificar aqueles mais críticos e pensar em novas formas de estruturação, que foram colocadas em prática neste ano. A área também tem como metas, para 2012, a definição de indicadores de desempenho para os processos críticos, a capacitação de pessoas para gerenciamento de projetos, além de atuar na gestão do projeto da nova ferramenta de CRM (Customer Relationship Management): o SalesForce.com. A nova ferramenta será adotada não somente no Brasil, como também em toda a América Latina. Perfil da Organização 21

14 Sede administrativa Roche Farmacêutica Brasil Jaguaré São Paulo Dezembro de 2011 Organograma da Roche Farmacêutica Brasil Presidência Oncologia & Operação de Vendas Virologia & Sistema Nervoso Central Imunologia / Inflamação Acesso ao Mercado Diretoria Médica Industrial Farmacêutica Desenvolvimento de Negócios Jurídico & Compliance Recursos Humanos e Comunicação Finanças & Serviços Informática Brasil A Roche Farmacêutica Brasil reporta-se diretamente à Presidência da América Latina. A afiliada brasileira também sedia as diretorias de Recursos Humanos Regional, Desenvolvimento de Negócios para América Latina, Finanças Regional, Informática Regional e Shared Service Center. 22 Roche - Relatório de Sustentabilidade 2011

15 Sede administrativa Roche Diagnóstica Brasil Jaguaré São Paulo Organograma da Roche Diagnóstica Brasil Dezembro de 2011 Presidência Diabetes Care Diagnóstico profissional Diagnóstico Molecular Ciências da Vida Diagnóstico de Tecidos Professional Services Finanças e Serviços Assuntos Legais & Regulatórios Recursos Humanos e Comunicação A Roche Diagnóstica Brasil reporta-se diretamente à Diretoria da sub-região América Latina da Divisão Diagnóstica, a qual está sediada na filial brasileira. Estão também sediados no Brasil as áreas de Recursos Humanos, Compliance, Marketing Clínico e Tecnologia da Informação Regionais. Perfil da Organização 23

Roche apresenta fortes resultados em 2013: crescimento de 6%

Roche apresenta fortes resultados em 2013: crescimento de 6% Roche apresenta fortes resultados em 2013: crescimento de 6% Demanda no Brasil registra aumento de 9,4%. Vendas totais do Grupo alcançam 46,8 bilhões de francos suíços A Roche anunciou hoje os seus resultados

Leia mais

2.3. Governança Corporativa 23 2.4. Ética e Compliance 26 2.5. Reconhecimento 28

2.3. Governança Corporativa 23 2.4. Ética e Compliance 26 2.5. Reconhecimento 28 Índice 1. Mensagem aos Públicos de Relacionamento (Stakeholders) 4 2. Perfil da Organização 8 2.1. Grupo Roche 1 2.2. Roche no Brasil 16 2.3. Governança Corporativa 23 2.4. Ética e Compliance 26 2.5. Reconhecimento

Leia mais

Relatório de Sustentabilidade 2014

Relatório de Sustentabilidade 2014 Sustentabilidade 2014 Sumário 1 Sumário Apresentação 2 A Roche 3 Mensagem dos presidentes 4 Perfil 6 Governança corporativa 12 Estratégia 17 Desempenho econômico 18 Nosso negócio 19 Diagnóstico e tratamento

Leia mais

Relatório de Sustentabilidade 2009

Relatório de Sustentabilidade 2009 Relatório de Sustentabilidade 2009 Roche Brasil Inovando em saúde 2 Relatório de Sustentabilidade 2009 Medicina Personalizada As pessoas são diferentes e as doenças também C.A.M. 32 anos Paciente com câncer

Leia mais

Nós buscamos as respostas

Nós buscamos as respostas A vida faz as perguntas Nós buscamos as respostas Inovando em saúde A vida faz as perguntas. Roche Inovando em Saúde 1 O que poderá me ajudar? Posso ter esperança? Quando os outros irão perceber? O que

Leia mais

DIRETRIZES PARA UM FORNECIMENTO SUSTENTÁVEL

DIRETRIZES PARA UM FORNECIMENTO SUSTENTÁVEL DIRETRIZES PARA UM FORNECIMENTO SUSTENTÁVEL APRESENTAÇÃO A White Martins representa na América do Sul a Praxair, uma das maiores companhias de gases industriais e medicinais do mundo, com operações em

Leia mais

Ricardo Setubal Diretor de Relações com Investidores

Ricardo Setubal Diretor de Relações com Investidores Ricardo Setubal Diretor de Relações com Investidores Agenda Perfil da Empresa Investimentos Estratégicos Ações Desenvolvidas no Período Desempenho das Áreas Informações Financeiras Consolidadas Governança

Leia mais

Plano de Sustentabilidade da Unilever

Plano de Sustentabilidade da Unilever Unilever Plano de Sustentabilidade da Unilever Eixo temático Governança Principal objetivo da prática Para a Unilever, o crescimento sustentável e lucrativo requer os mais altos padrões de comportamento

Leia mais

Engajamento e Diálogo com Stakeholders

Engajamento e Diálogo com Stakeholders 05 Engajamento e Diálogo com Stakeholders GRI 4.14, 4.15, 4.16, 4.17 A Roche considera que o relacionamento com seus diversos públicos é a essência de seu negócio. Por isso, a empresa mantém e procura

Leia mais

Economia da Saúde: a inovação e seu impacto no Sistema de Saúde. Erika Aragâo Fiocruz BA e UFBA

Economia da Saúde: a inovação e seu impacto no Sistema de Saúde. Erika Aragâo Fiocruz BA e UFBA Economia da Saúde: a inovação e seu impacto no Sistema de Saúde Erika Aragâo Fiocruz BA e UFBA Ciência: "Refere-se a um sistema de aquisição de conhecimento. Tradicionalmente relacionado a observação e

Leia mais

Desenvolvimento da agenda sustentabilidade & negócios

Desenvolvimento da agenda sustentabilidade & negócios Desenvolvimento da agenda sustentabilidade & negócios Em 2013, a Duratex lançou sua Plataforma 2016, marco zero do planejamento estratégico de sustentabilidade da Companhia. A estratégia baseia-se em três

Leia mais

O Impacto da Gestão da Cadeia de Fornecedores na Sustentabilidade das Organizações

O Impacto da Gestão da Cadeia de Fornecedores na Sustentabilidade das Organizações Webinar O Impacto da Gestão da Cadeia de Fornecedores na Sustentabilidade das Organizações Juliana Scalon 4 de Setembro de 2013 Aprimore o desempenho dos fornecedores Para se sobressair no mercado atual

Leia mais

SEGURANÇA E AGILIDADE EM TODAS AS SUAS ENTREGAS

SEGURANÇA E AGILIDADE EM TODAS AS SUAS ENTREGAS SEGURANÇA E AGILIDADE EM TODAS AS SUAS ENTREGAS TNT EFICIÊNCIA EM TRANSPORTES A TNT, uma das líderes mundiais em transporte expresso, possui hoje a maior rede de distribuição expressa rodoviária de toda

Leia mais

ANEXO 2 Estrutura Modalidade 1 ELIS PMEs PRÊMIO ECO - 2015

ANEXO 2 Estrutura Modalidade 1 ELIS PMEs PRÊMIO ECO - 2015 ANEXO 2 Estrutura Modalidade 1 ELIS PMEs PRÊMIO ECO - 2015 Critérios Descrições Pesos 1. Perfil da Organização Breve apresentação da empresa, seus principais produtos e atividades, sua estrutura operacional

Leia mais

Nossa atuação no setor financeiro

Nossa atuação no setor financeiro Nossa atuação no setor financeiro No mundo No Brasil O porte da equipe de Global Financial Services Industry (GFSI) da Deloitte A força da equipe do GFSI da Deloitte no Brasil 9.300 profissionais;.850

Leia mais

Inovação e Tecnologia na Saúde dos Estados Unidos

Inovação e Tecnologia na Saúde dos Estados Unidos Inovação e Tecnologia na Saúde dos Estados Unidos André Medici Congresso Internacional de Serviços de Saúde (CISS) Feira Hospitalar São Paulo (SP) 21 de Maio de 2014 1 Nossos Palestrantes Tecnologia em

Leia mais

THOMSON REUTERS INTEGRITY CONHECIMENTO ESSENCIAL PARA APRIMORAR A DESCOBERTA E O DESENVOLVIMENTO DE FÁRMACOS DIREITOS DA IMAGEM: REUTERS/MAX ROSSI

THOMSON REUTERS INTEGRITY CONHECIMENTO ESSENCIAL PARA APRIMORAR A DESCOBERTA E O DESENVOLVIMENTO DE FÁRMACOS DIREITOS DA IMAGEM: REUTERS/MAX ROSSI THOMSON REUTERS INTEGRITY CONHECIMENTO ESSENCIAL PARA APRIMORAR A DESCOBERTA E O DESENVOLVIMENTO DE FÁRMACOS DIREITOS DA IMAGEM: REUTERS/MAX ROSSI 2 THOMSON REUTERS INTEGRITY DIREITOS DA IMAGEM: istockphoto

Leia mais

Gerenciamento Estratégico e EHS Uma parceria que dá certo

Gerenciamento Estratégico e EHS Uma parceria que dá certo Gerenciamento Estratégico e EHS Uma parceria que dá certo INTRODUÇÃO O Balanced Scorecard (BSC) é uma metodologia desenvolvida para traduzir, em termos operacionais, a Visão e a Estratégia das organizações

Leia mais

Pesquisa. 40 INCA Relatório Anual 2005 Pesquisa

Pesquisa. 40 INCA Relatório Anual 2005 Pesquisa Pesquisa A pesquisa no INCA compreende atividades de produção do conhecimento científico, melhoria dos procedimentos diagnósticos e terapêuticos do câncer e formação de recursos humanos em pesquisa oncológica.

Leia mais

ITAUTEC S.A. - GRUPO ITAUTEC RELATÓRIO DA ADMINISTRAÇÃO 31 DE MARÇO DE 2010

ITAUTEC S.A. - GRUPO ITAUTEC RELATÓRIO DA ADMINISTRAÇÃO 31 DE MARÇO DE 2010 CENÁRIO ITAUTEC S.A. - GRUPO ITAUTEC RELATÓRIO DA ADMINISTRAÇÃO 31 DE MARÇO DE 2010 A atividade econômica brasileira apresentou sinais de expansão no primeiro trimestre de 2010, com crescimento da atividade

Leia mais

TASCHIBRA. Resumo. Sistema de Gestão de Qualidade SGQ na Taschibra: processo de melhoria contínua

TASCHIBRA. Resumo. Sistema de Gestão de Qualidade SGQ na Taschibra: processo de melhoria contínua TASCHIBRA Sistema de Gestão de Qualidade SGQ na Taschibra: processo de melhoria contínua por Ademar do Amaral Jr Mestre em Administração pela Fundação Universidade Regional de Blumenau (2007); Especialista

Leia mais

Política de Responsabilidade Socioambiental

Política de Responsabilidade Socioambiental Publicado em: 27/02/2015 Válido até: 26/02/2020 Política de Responsabilidade Socioambiental 1. SUMÁRIO 2 2. OBJETIVO 2 3. ABRANGÊNCIA 2 4. IMPLEMENTAÇÃO 2 5. DETALHAMENTO 2 5.1. Definições 3 5.2. Envolvimento

Leia mais

CRM - gestão eficiente do relacionamento com os clientes

CRM - gestão eficiente do relacionamento com os clientes CRM - gestão eficiente do relacionamento com os clientes Mais que implantação, o desafio é mudar a cultura da empresa para documentar todas as interações com o cliente e transformar essas informações em

Leia mais

Uma visão abrangente dos negócios. Solução para superar barreiras e otimizar recursos na sua empresa

Uma visão abrangente dos negócios. Solução para superar barreiras e otimizar recursos na sua empresa Uma visão abrangente dos negócios Solução para superar barreiras e otimizar recursos na sua empresa Negócios sem barreiras O fenômeno da globalização tornou o mercado mais interconectado e rico em oportunidades.

Leia mais

OS PRINCÍPIOS DA ESSILOR

OS PRINCÍPIOS DA ESSILOR OS PRINCÍPIOS DA ESSILOR Cada um de nós, na vida profissional, divide com a Essilor a sua responsabilidade e a sua reputação. Portanto, devemos conhecer e respeitar os princípios que se aplicam a todos.

Leia mais

LOJAS COLOMBO S/A COMÉRCIO DE UTILIDADES DOMÉSTICAS E CONTROLADAS

LOJAS COLOMBO S/A COMÉRCIO DE UTILIDADES DOMÉSTICAS E CONTROLADAS 1 LOJAS COLOMBO S/A COMÉRCIO DE UTILIDADES DOMÉSTICAS E CONTROLADAS RELATÓRIO DA ADMINISTRAÇÃO Senhores acionistas: Atendendo às disposições legais e estatutárias, a administração de Lojas Colombo S/A

Leia mais

QUEM SOMOS Brasil Brokers

QUEM SOMOS Brasil Brokers QUEM SOMOS Um dos maiores e mais completos grupos de venda de imóveis do país. Assim é a Brasil Brokers. Formado por 25 imobiliárias líderes em 12 estados, o grupo conta com mais de 14 mil corretores associados

Leia mais

Luiz Fernando Rolla. Diretor de Finanças, Relações com Investidores e Controle de Participações

Luiz Fernando Rolla. Diretor de Finanças, Relações com Investidores e Controle de Participações Luiz Fernando Rolla Diretor de Finanças, Relações com Investidores e Controle de Participações Nossa base de acionistas assegura liquidez América do Norte Canadá Estados Unidos México Europa Luxemburgo

Leia mais

Auditoria Interna e Governança Corporativa

Auditoria Interna e Governança Corporativa Auditoria Interna e Governança Corporativa Clarissa Schüler Pereira da Silva Gerente de Auditoria Interna TUPY S.A. Programa Governança Corporativa Auditoria Interna Desafios para os profissionais de auditoria

Leia mais

A responsabilidade social na cadeia de fornecedores. Lucas O. Guerra Gerente de P&D / Assessor da Diretoria

A responsabilidade social na cadeia de fornecedores. Lucas O. Guerra Gerente de P&D / Assessor da Diretoria A responsabilidade social na cadeia de fornecedores Lucas O. Guerra Gerente de P&D / Assessor da Diretoria Allergisa testes clínicos de segurança e eficácia. Clínica atendimento médico dermatológico,

Leia mais

Desenvolvimento de Negócios & Finanças Corporativas

Desenvolvimento de Negócios & Finanças Corporativas Desenvolvimento de Negócios & Finanças Corporativas 2 www.nbs.com.br Soluções eficazes em Gestão de Negócios. Nossa Visão Ser referência em consultoria de desenvolvimento e implementação de estratégias,

Leia mais

Relatório Sócio Ambiental 2015/2016 Desempenho Sócio Ambiental

Relatório Sócio Ambiental 2015/2016 Desempenho Sócio Ambiental Desempenho Sócio Ambiental Revisão: Agosto de 2015 1 Índice 1. Apresentando a quantiq... 3 2. Política Integrada de Gestão... 3 3. Partes Interessadas... 4 4. Resultados de Auditoria Externa Gestão Ambiental...

Leia mais

Gestão de Processos de Negócio. Case WEG - Processos de Negócio para a Gestão de Valor WEG BPM

Gestão de Processos de Negócio. Case WEG - Processos de Negócio para a Gestão de Valor WEG BPM Gestão de Processos de Negócio Case WEG - Processos de Negócio para a Gestão de Valor WEG BPM Dezembro de 2012 A Solução Global com Máquinas Elétricas e Automação para Indústria e Sistemas de Energia Apresentação

Leia mais

F r a n c h i s i n g

F r a n c h i s i n g F r a n c h i s i n g F r a n c h i s i n g www.ambientec.com franchising@ambientec.com Fone: 41 3352 5352 Franchising Com 20 anos de experiência na prestação de consultoria e serviços de Engenharia de

Leia mais

Performance com Propósito. A promessa da PepsiCo

Performance com Propósito. A promessa da PepsiCo Performance com Propósito A promessa da PepsiCo Performance com Propósito A promessa da PepsiCo Na PepsiCo, Performance com Propósito significa gerar crescimento sustentável através do investimento em

Leia mais

Melhoria do desempenho ambiental - implementação do Sistema de Gestão Ambiental

Melhoria do desempenho ambiental - implementação do Sistema de Gestão Ambiental Melhoria do desempenho ambiental - implementação do Sistema de Gestão Ambiental 1 Melhoria do desempenho ambiental implementação do Sistema de Gestão Ambiental A Caixa Geral de Depósitos (CGD) tem implementado

Leia mais

3 - Introdução. gestão hospitalar? 8 - Indicadores clínicos. 11 - Indicadores operacionais. 14 - Indicadores financeiros.

3 - Introdução. gestão hospitalar? 8 - Indicadores clínicos. 11 - Indicadores operacionais. 14 - Indicadores financeiros. 3 - Introdução 4 - Quais são as métricas para alcançar uma boa ÍNDICE As Métricas Fundamentais da Gestão Hospitalar gestão hospitalar? 8 - Indicadores clínicos 11 - Indicadores operacionais 14 - Indicadores

Leia mais

Life Sciences Cyber Security

Life Sciences Cyber Security Life Sciences Cyber Security Março de 2015 kpmg.com/br 2X ORGANIZAÇÕES DE SAÚDE RELATAM PERDA DE DADOS E INCIDENTES DE ROUBO A DUAS VEZES A TAXA DE OUTRAS INDÚSTRIAS Fonte: Verizon s 2014 Data Breach Investigations

Leia mais

LINHAS DE PESQUISA EMPREENDEDORISMO, TECNOLOGIA E INOVAÇÃO

LINHAS DE PESQUISA EMPREENDEDORISMO, TECNOLOGIA E INOVAÇÃO LINHAS DE PESQUISA EMPREENDEDORISMO, TECNOLOGIA E INOVAÇÃO Nos países desenvolvidos e, em menor grau, nos países em desenvolvimento, assiste-se ao surgimento de padrões tecno-econômicos onde os resultados

Leia mais

PGQP. Programa Gaúcho da Qualidade e Produtividade. Qualidade Gestão Inovação Competitividade Sustentabilidade

PGQP. Programa Gaúcho da Qualidade e Produtividade. Qualidade Gestão Inovação Competitividade Sustentabilidade PGQP Programa Gaúcho da Qualidade e Produtividade Qualidade Gestão Inovação Competitividade Sustentabilidade visão das lideranças A Excelência de qualquer organização depende da sinergia entre três fatores:

Leia mais

Ficha de Inscrição do 17º Prêmio Expressão de Ecologia

Ficha de Inscrição do 17º Prêmio Expressão de Ecologia Ficha de Inscrição do 17º Prêmio Expressão de Ecologia OBS: Apresentação obrigatória na primeira página do case Informações cadastrais a) Identificação: empresa b) Nome: Borachas Vipal S/A c) Setor/Atividades:

Leia mais

TERCEIRIZAÇÃO, OUTSOURCING, INFRAESTRUTURA DESENVOLVIMENTO DE SISTEMAS E SITES, AUDITORIAS E SEGURANÇA DA INFORMAÇÃO.

TERCEIRIZAÇÃO, OUTSOURCING, INFRAESTRUTURA DESENVOLVIMENTO DE SISTEMAS E SITES, AUDITORIAS E SEGURANÇA DA INFORMAÇÃO. TERCEIRIZAÇÃO, OUTSOURCING, INFRAESTRUTURA DESENVOLVIMENTO DE SISTEMAS E SITES, AUDITORIAS E SEGURANÇA DA INFORMAÇÃO. OneIT A gente trabalha para o seu crescimento. Rua Bento Barbosa, n 155, Chácara Santo

Leia mais

Real Implantação de Projetos de Big Data & Analytics na Indústria da Saúde

Real Implantação de Projetos de Big Data & Analytics na Indústria da Saúde III Forum HBR Brasil Big Data & Analytics Real Implantação de Projetos de Big Data & Analytics na Indústria da Saúde Roger Shoji Miyake Diretor de Estratégia e Excelência Comercial Bristol-Myers Squibb

Leia mais

RELATÓRIO DE SUSTENTABILIDADE 2008/2010. Vonpar - Divisão Bebidas

RELATÓRIO DE SUSTENTABILIDADE 2008/2010. Vonpar - Divisão Bebidas RELATÓRIO DE SUSTENTABILIDADE 200/200 Neste documento você terá o extrato em números dos dados contidos no Relatório de Sustentabilidade 200/200 da Vonpar. Conforme a versão digital animada (disponível

Leia mais

DISSEMINAÇÃO ATUARIAL: PERSPECTIVAS PARA A PROFISSÃO ADRIANA OKADA

DISSEMINAÇÃO ATUARIAL: PERSPECTIVAS PARA A PROFISSÃO ADRIANA OKADA DISSEMINAÇÃO ATUARIAL: PERSPECTIVAS PARA A PROFISSÃO ADRIANA OKADA Novos Cenários Crises Recentes: Desaquecimento Econômico e Baixo Retorno Financeiro Mudanças Econômicas Maior Concorrência Novos Cenários

Leia mais

Brasil 2011: o momento certo para promover a inovação. Antonio Carlos Valente Presidente do Grupo Telefonica no Brasil Maio, 2011

Brasil 2011: o momento certo para promover a inovação. Antonio Carlos Valente Presidente do Grupo Telefonica no Brasil Maio, 2011 Brasil 2011: o momento certo para promover a inovação Antonio Carlos Valente Presidente do Grupo Telefonica no Brasil Maio, 2011 Agenda 01 O momento certo para promover a inovação tecnológica no Brasil

Leia mais

PROGRAMA COMPLIANCE VC

PROGRAMA COMPLIANCE VC Seguir as leis e regulamentos é ótimo para você e para todos. Caro Colega, É com satisfação que compartilho esta cartilha do Programa Compliance VC. Elaborado com base no nosso Código de Conduta, Valores

Leia mais

FUNDAMENTOS DA GESTÃO

FUNDAMENTOS DA GESTÃO A Ultrapar realizou em 2011 um programa de comunicação e disseminação do tema sustentabilidade entre seus colaboradores, com uma série de iniciativas voltadas para o engajamento e treinamento das pessoas.

Leia mais

Atuação Responsável. Programa. Requisitos do Sistema de Gestão. 20 anos do Atuação Responsável no Brasil. Responsável 1992-2012

Atuação Responsável. Programa. Requisitos do Sistema de Gestão. 20 anos do Atuação Responsável no Brasil. Responsável 1992-2012 Atuação Responsável anos 1992-2012 Programa Atuação Responsável 20 anos do Atuação Responsável no Brasil Requisitos do Sistema de Gestão Associação Brasileira da Indústria Química Associação Brasileira

Leia mais

para o Tratamento do Câncer

para o Tratamento do Câncer Terapias Direcionadas para o Tratamento do Câncer 1 Anticorpos Monoclonais e Peptídeos para Tratamento do Câncer Recepta Biopharma é uma empresa de biotecnologia dedicada a P&D para o desenvolvimento de

Leia mais

8º Forum de Saúde e Segurança do Trabalho. FEBRABAN

8º Forum de Saúde e Segurança do Trabalho. FEBRABAN 8º Forum de Saúde e Segurança do Trabalho. FEBRABAN Cultura de Saúde e Segurança no Trabalho: da Norma para o Valor Volvo do Brasil Quais os Valores e Práticas em Saúde e Segurança do Trabalho que asseguram

Leia mais

Software para Saúde Conectada

Software para Saúde Conectada TrakCare LAB Inovação na evolução dos pacientes, performance de laboratórios e comunicação entre os profissionais de saúde. Software para Saúde Conectada Mais poder para seu laboratório, mais benefícios

Leia mais

Sicredi reduz em 20% os custos de gestão de portfólio com CA Clarity PPM On Demand

Sicredi reduz em 20% os custos de gestão de portfólio com CA Clarity PPM On Demand CUSTOMER SUCCESS STORY Sicredi reduz em 20% os custos de gestão de portfólio com CA Clarity PPM On Demand PERFIL DO CLIENTE Indústria: Serviços financeiros Empresa: Sicredi Funcionários: +12.000 EMPRESA

Leia mais

SOFTWARE DE GESTÃO PARA BENS DURÁVEIS MANUFATURA LEVE, SUSTENTÁVEL E AUTOMATIZADA

SOFTWARE DE GESTÃO PARA BENS DURÁVEIS MANUFATURA LEVE, SUSTENTÁVEL E AUTOMATIZADA SOFTWARE DE GESTÃO PARA BENS DURÁVEIS MANUFATURA LEVE, SUSTENTÁVEL E AUTOMATIZADA HOJE FALAREMOS SOBRE 1. INTRODUÇÃO 2. COMO FUNCIONA: MACROPROCESSO E DETALHAMENTOS 3. OFERTAS PADRÃO TOTVS 4. FATOS 1.

Leia mais

Relatório de Sustentabilidade. versão resumida

Relatório de Sustentabilidade. versão resumida O LATAM Airlines Group Gestão com Ecoeficiência Materialidade O LATAM Airlines Group é o maior grupo de companhias aéreas da América Latina, com 53.072 funcionários e uma frota de 327 aeronaves, e um dos

Leia mais

GRUPO OURO FINO DEPARTAMENTO DE PESQUISA E DESENVOLVIMENTO MODELO DE GESTÃO INOVAÇÃO ABERTA

GRUPO OURO FINO DEPARTAMENTO DE PESQUISA E DESENVOLVIMENTO MODELO DE GESTÃO INOVAÇÃO ABERTA GRUPO OURO FINO DEPARTAMENTO DE PESQUISA E DESENVOLVIMENTO MODELO DE GESTÃO INOVAÇÃO ABERTA Ms.Lucimara C. Toso Bertolini. Gerente PD&I OURO FINO AGRONEGÓCIOS DIVISÃO SAÚDE ANIMAL 1987: Nasce a Ouro Fino

Leia mais

Maximize o desempenho das suas instalações. Gerenciamento Integrado de Facilities - Brasil

Maximize o desempenho das suas instalações. Gerenciamento Integrado de Facilities - Brasil Maximize o desempenho das suas instalações Gerenciamento Integrado de Facilities - Brasil Sua empresa oferece um ambiente de trabalho com instalações eficientes e de qualidade? Como você consegue otimizar

Leia mais

Papel da Auditoria Interna na Gestão de Riscos para as Sociedades Cooperativas

Papel da Auditoria Interna na Gestão de Riscos para as Sociedades Cooperativas Papel da Auditoria Interna na Gestão de Riscos para as Sociedades Cooperativas Dario Fonseca Junior TITULAÇÃO MBA Controladoria, Auditoria e Tributos pela Fundação Getúlio Vargas MBA Gestão Empresarial

Leia mais

BAXTER ANUNCIA PLANOS PARA CRIAR DUAS EMPRESAS MUNDIAIS SEPARADAS LÍDERES DE SAÚDE

BAXTER ANUNCIA PLANOS PARA CRIAR DUAS EMPRESAS MUNDIAIS SEPARADAS LÍDERES DE SAÚDE PARA DIVULGAÇÃO IMEDIATA Contatos da mídia Brian Kyhos Deborah Spak (224) 948-5353 media@baxter.com Contatos com investidores Mary Kay Ladone, (224) 948-3371 Clare Trachtman, (224) 948-3085 BAXTER ANUNCIA

Leia mais

A Sustentabilidade no HSL. Diretoria de Filantropia e Responsabilidade Social

A Sustentabilidade no HSL. Diretoria de Filantropia e Responsabilidade Social A Sustentabilidade no HSL Diretoria de Filantropia e Responsabilidade Social Sustentabilidade HSL Panorama Geral Desequilíbrio do processo econômico Fonte: New Scientist (18 October 2008, p 40). Legenda:

Leia mais

"Faça tudo o mais simples possível, mas com qualidade." (Adaptado livremente de A. Einstein)

Faça tudo o mais simples possível, mas com qualidade. (Adaptado livremente de A. Einstein) Fácil assim. 12345 "Faça tudo o mais simples possível, mas com qualidade." (Adaptado livremente de A. Einstein) 12345 Tudo é mais fácil com Lenze. O forte dinamismo dos tempos atuais o coloca em confronto

Leia mais

Valor Econômico 23/02/2007 Empresas Vacina contra câncer de próstata é aposta da gaúcha FK

Valor Econômico 23/02/2007 Empresas Vacina contra câncer de próstata é aposta da gaúcha FK Valor Econômico Empresas Vacina contra câncer de próstata é aposta da gaúcha FK Sérgio Bueno Criada pelo médico gaúcho Fernando Kreutz, de 39 anos, uma vacina terapêutica contra o câncer da próstata pode

Leia mais

Solução Accenture RiskControl

Solução Accenture RiskControl Solução Accenture RiskControl As rápidas transformações econômicas e sociais que marcaram a primeira década do século XXI trouxeram novos paradigmas para a gestão empresarial. As organizações ficaram frente

Leia mais

Evento de Lançamento do Processo ISE 2015

Evento de Lançamento do Processo ISE 2015 Evento de Lançamento do Processo ISE 2015 25 de fevereiro de 2015 Carteira ISE 2015 R$ 1.224.784.660.586,93-49,87% do valor total de mercado (base 24/11/2014) Carteira ISE 2015 R$ 1.224.784.660.586,93-49,87%

Leia mais

Imagem Corporativa Marta Telles marta.telles@imagemcorporativa.com.br Tel: (11) 3526-4508. Márcia Avruch marcia.avruch@br.pwc.com Tel.

Imagem Corporativa Marta Telles marta.telles@imagemcorporativa.com.br Tel: (11) 3526-4508. Márcia Avruch marcia.avruch@br.pwc.com Tel. Press Release Date 1º de outubro de 2013 Contato Imagem Corporativa Marta Telles marta.telles@imagemcorporativa.com.br Tel: (11) 3526-4508 Márcia Avruch marcia.avruch@br.pwc.com Tel. (11) 3674-3760 Pages

Leia mais

NOSSOS PRINCÍPIOS ORIENTADORES

NOSSOS PRINCÍPIOS ORIENTADORES NOSSOS PRINCÍPIOS ORIENTADORES Por cerca de 50 anos, a série Boletim Verde descreve como a John Deere conduz os negócios e coloca seus valores em prática. Os boletins eram guias para os julgamentos e as

Leia mais

Onde os Biomédicos atuam?

Onde os Biomédicos atuam? Onde os Biomédicos atuam? Os profissionais Biomédicos estão distribuídos por todas as esferas científicas públicas e privadas das universidades, faculdades, centros universitários, institutos de pesquisas,

Leia mais

PEDSYN (PROGRAMA DE EXCELÊNCIA EM DISTRIBUIÇÃO SYNGENTA): Estratégia de Acesso ao Mercado Canais de Distribuição

PEDSYN (PROGRAMA DE EXCELÊNCIA EM DISTRIBUIÇÃO SYNGENTA): Estratégia de Acesso ao Mercado Canais de Distribuição Central de Cases PEDSYN (PROGRAMA DE EXCELÊNCIA EM DISTRIBUIÇÃO SYNGENTA): Estratégia de Acesso ao Mercado Canais de Distribuição www.espm.br/centraldecases Central de Cases PEDSYN (PROGRAMA DE EXCELÊNCIA

Leia mais

Assim é a Telefónica. Distribuição do EBITDA por países em 2001

Assim é a Telefónica. Distribuição do EBITDA por países em 2001 Assim é a Telefónica A aquisição da Lycos, aliada ao fato de a nova empresa Terra Lycos operar em 43 países, permitiu, por um lado, uma maior penetração nos Estados Unidos e no Canadá. Por outro lado,

Leia mais

Retenção de Pessoas na Tokio Marine Seguradora

Retenção de Pessoas na Tokio Marine Seguradora Retenção de Pessoas na Tokio Marine Seguradora Institucional Tokio Marine Seguradora Tokio Marine no Mundo Grupo Tokio Marine é o um dos líderes entre os grupos seguradores globais. Fundada em1879 Ativos:US$98bilhões

Leia mais

Sistema Accu-Chek Inform II Glicemia Profissional para Hospitais

Sistema Accu-Chek Inform II Glicemia Profissional para Hospitais Sistema Accu-Chek Inform II Glicemia Profissional para Hospitais Sistema Accu-Chek Inform II Controle em tempo real Leitor de código de barras integrado Leitura avançado do código de barras com confirmação

Leia mais

Dataprev Aumenta a Eficiência na Entrega de Projetos em 40% com CA Clarity on Premise

Dataprev Aumenta a Eficiência na Entrega de Projetos em 40% com CA Clarity on Premise CUSTOMER SUCCESS STORY Dezembro 2013 Dataprev Aumenta a Eficiência na Entrega de Projetos em 40% com CA Clarity on Premise PERFIL DO CLIENTE Indústria: Setor público Companhia: Dataprev Empregados: 3.000+

Leia mais

Crescendo e Inovando com um Parceiro Confiável de Suporte

Crescendo e Inovando com um Parceiro Confiável de Suporte IBM Global Technology Services Manutenção e suporte técnico Crescendo e Inovando com um Parceiro Confiável de Suporte Uma abordagem inovadora em suporte técnico 2 Crescendo e Inovando com um Parceiro Confiável

Leia mais

PUCRS -REGINP -ANPROTEC. Antônio L. Bragança Diretor de Tecnologia

PUCRS -REGINP -ANPROTEC. Antônio L. Bragança Diretor de Tecnologia PUCRS -REGINP -ANPROTEC Experiência da Braskem Antônio L. Bragança Diretor de Tecnologia XXI Seminário Nacional de Parques Tecnológicos e Incubadoras de Empresas Porto Alegre, 26 Out 2011 AGENDA A BRASKEM

Leia mais

17ª TRANSPOSUL FEIRA E CONGRESSO DE TRANSPORTE E LOGÍSTICA

17ª TRANSPOSUL FEIRA E CONGRESSO DE TRANSPORTE E LOGÍSTICA 17ª TRANSPOSUL FEIRA E CONGRESSO DE TRANSPORTE E LOGÍSTICA PALESTRA FALTA DE COMPETITIVIDADE DO BRASIL FRENTE AO MERCADO EXTERNO JOSÉ AUGUSTO DE CASTRO Porto Alegre, 24 de JUNHO de 2015 2 - TEORIAS No

Leia mais

Algar Telecom registra lucro de R$ 71 milhões em 2009

Algar Telecom registra lucro de R$ 71 milhões em 2009 Algar Telecom registra lucro de R$ 71 milhões em 2009 EBITDA atingiu a soma de R$ 391 milhões no ano passado São Paulo, 24 de março de 2010 A Algar Telecom, empresa de telecomunicações do Grupo Algar,

Leia mais

esta oportunidade é para você

esta oportunidade é para você esta oportunidade é para você 26.000 colaboradores em mais de Empresa listada na FORTUNE países Projetos sociais na AMÉRICA DO SUL beneficiam mais de 230.000 PESSOAS POR ANO QUARTA EMPRESA MAIS INOVADORA

Leia mais

ENTENDENDO A ISO 14000

ENTENDENDO A ISO 14000 UNIVERSIDADE FEDERAL DE VIÇOSA DEPARTAMENTO DE TECNOLOGIA DE ALIMENTOS CIÊNCIA E TECNOLOGIA DE ALIMENTOS ENTENDENDO A ISO 14000 Danilo José P. da Silva Série Sistema de Gestão Ambiental Viçosa-MG/Janeiro/2011

Leia mais

BPM e o Modelo de Gestão NeoGrid. Out/2013

BPM e o Modelo de Gestão NeoGrid. Out/2013 BPM e o Modelo de Gestão NeoGrid Out/2013 QUEM SOMOS? Uma multinacional brasileira presente em cinco continentes, provendo soluções para a sincronização da cadeia de suprimentos São mais de empresas gerenciando

Leia mais

Sociedade Brasileira de Patologia Clínica Medicina Laboratorial

Sociedade Brasileira de Patologia Clínica Medicina Laboratorial Programa de Indicadores Laboratoriais Sociedade Brasileira de Patologia Clínica Medicina Laboratorial Dr. Wilson Shcolnik set 2009 AGENDA Por que o programa surgiu? Como ele funciona? Quais os resultados

Leia mais

DOW BUSINESS SERVICES Diamond Value Chain Consulting

DOW BUSINESS SERVICES Diamond Value Chain Consulting DOW BUSINESS SERVICES Diamond Value Chain Consulting Soluções personalizadas para acelerar o crescimento do seu negócio Estratégia Operacional Projeto e Otimização de Redes Processos de Integração Eficácia

Leia mais

Índice de Sustentabilidade Empresarial - ISE Confidencial Restrita Confidencial Uso Interno Público 1

Índice de Sustentabilidade Empresarial - ISE Confidencial Restrita Confidencial Uso Interno Público 1 Confidencial Restrita Confidencial Uso Interno Público 1 Sustentabilidade em Bolsas de Valores Estímulo à transparência e ao desempenho socioambiental das empresas listadas Critérios mínimos de listagem.

Leia mais

Correlação entre os requisitos do Sistema de Gestão do Programa Atuação Responsável e o Responsible Care Management System Requirements - ACC

Correlação entre os requisitos do Sistema de Gestão do Programa Atuação Responsável e o Responsible Care Management System Requirements - ACC Correlação entre os requisitos do Sistema de Gestão do Programa Atuação Responsável e o Responsible Care Management System Requirements - ACC Sistema de Gestão do AR 2012 - ABIQUIM Responsible Care Management

Leia mais

TÍTULO Norma de Engajamento de Partes Interessadas GESTOR DRM ABRANGÊNCIA Agências, Departamentos, Demais Dependências, Empresas Ligadas

TÍTULO Norma de Engajamento de Partes Interessadas GESTOR DRM ABRANGÊNCIA Agências, Departamentos, Demais Dependências, Empresas Ligadas NORMA INTERNA TÍTULO Norma de Engajamento de Partes Interessadas GESTOR DRM ABRANGÊNCIA Agências, Departamentos, Demais Dependências, Empresas Ligadas NÚMERO VERSÃO DATA DA PUBLICAÇÃO SINOPSE Dispõe sobre

Leia mais

CONHECENDO O CHILE ATRAVÉS DE SEU SETOR INDÚSTRIAS. www.prochile.gob.cl

CONHECENDO O CHILE ATRAVÉS DE SEU SETOR INDÚSTRIAS. www.prochile.gob.cl CONHECENDO O CHILE ATRAVÉS DE SEU SETOR INDÚSTRIAS www.prochile.gob.cl O Chile surpreende pela sua variada geografia. Suas montanhas, vales, desertos, florestas e milhares de quilômetros de costa, o beneficiam

Leia mais

Pesquisa Clínica Intercâmbio de Conhecimento e Fator Gerador de Riquezas. Dr. Mário Bochembuzio Merck Sharp Dohme

Pesquisa Clínica Intercâmbio de Conhecimento e Fator Gerador de Riquezas. Dr. Mário Bochembuzio Merck Sharp Dohme Pesquisa Clínica Intercâmbio de Conhecimento e Fator Gerador de Riquezas Dr. Mário Bochembuzio Merck Sharp Dohme Agenda Cadeia de valor e inovação em saúde Desafios e oportunidades Investimentos em P &

Leia mais

Quais são as Balas de Prata no Gerenciamento de Projetos? (Autores: Carlos Magno da Silva Xavier e Alberto Sulaiman Sade Júnior) Resumo

Quais são as Balas de Prata no Gerenciamento de Projetos? (Autores: Carlos Magno da Silva Xavier e Alberto Sulaiman Sade Júnior) Resumo Quais são as Balas de Prata no Gerenciamento de Projetos? (Autores: Carlos Magno da Silva Xavier e Alberto Sulaiman Sade Júnior) Resumo A metáfora bala de prata se aplica a qualquer ação que terá uma extrema

Leia mais

HEMOTERAPIA BRASILEIRA

HEMOTERAPIA BRASILEIRA FAZENDO HISTÓRIA NA HEMOTERAPIA BRASILEIRA COLSAN - ASSOCIAÇÃO BENEFICENTE DE COLETA DE SANGUE fazendo história na hemoterapia brasileira A Colsan Associação Beneficente de Coleta de Sangue é uma entidade

Leia mais

Melhores práticas. Cada vez mais cientes das

Melhores práticas. Cada vez mais cientes das Número de empresas brasileiras que procuram se aprimorar em governança corporativa aumentou na última edição do estudo Melhores práticas Estudo aponta que as empresas investem mais no aprimoramento dos

Leia mais

BM&FBOVESPA Aperfeiçoa Práticas de Gerenciamento de Projetos com CA Project & Portfolio Management

BM&FBOVESPA Aperfeiçoa Práticas de Gerenciamento de Projetos com CA Project & Portfolio Management CUSTOMER SUCCESS STORY Outubro 2013 BM&FBOVESPA Aperfeiçoa Práticas de Gerenciamento de Projetos com CA Project & Portfolio Management CUSTOMER LOGO HERE EMPRESA A BM&FBOVESPA é a principal instituição

Leia mais

Política de Responsabilidade Socioambiental

Política de Responsabilidade Socioambiental Política de Responsabilidade Socioambiental SUMÁRIO 1 INTRODUÇÃO... 3 2 OBJETIVO... 3 3 DETALHAMENTO... 3 3.1 Definições... 3 3.2 Envolvimento de partes interessadas... 4 3.3 Conformidade com a Legislação

Leia mais

FILOSOFIA EMPRESARIAL

FILOSOFIA EMPRESARIAL FILOSOFIA EMPRESARIAL FILOSOFIA EMPRESARIAL Bebidas S/A Troféu Prata FILOSOFIA EMPRESARIAL MISSÃO SACIAR NATURALMENTE A SEDE DOS GAÚCHOS. Bebidas S/A Troféu Prata FILOSOFIA EMPRESARIAL VISÃO QUEREMOS SER

Leia mais

Ciências da Vida x MPE:

Ciências da Vida x MPE: Ciências da Vida x MPE: Oportunidades e desafios Fernando Kreutz, M.D./Ph.D. Diretor-Presidente FK-Biotec Professor Faculdade de Farmácia da PUCRS Pesquisador CNPq DT IB Conselheiro Anprotec Empreendedor

Leia mais

Digitalização pode impulsionar competitividade brasileira, segundo estudo feito pela Siemens e pela Fundação Dom Cabral

Digitalização pode impulsionar competitividade brasileira, segundo estudo feito pela Siemens e pela Fundação Dom Cabral Imprensa São Paulo, 16 de junho de 2015 Digitalização pode impulsionar competitividade brasileira, segundo estudo feito pela Siemens e pela Fundação Dom Cabral O estudo foi baseado em uma pesquisa realizada

Leia mais

Mensagem da Diretoria

Mensagem da Diretoria Balanço Social 2013 Mensagem da Diretoria Em 2013 as Empresas Rio Deserto completaram 95 anos de atividades. Somos uma das empresas mais antigas da região Sul de Santa Catarina, mas não podemos ser chamadas

Leia mais

Boletim Gestão & Governança

Boletim Gestão & Governança Boletim Gestão & Governança Edição 18 Ano III Junho 2015 SAVE THE DATE Primeiro encontro de controles internos na cidade do Rio de Janeiro 24 de Setembro 2015 Aguardem a agenda do evento! Vejam nesta edição:

Leia mais

Entrevista Inovação em dose dupla

Entrevista Inovação em dose dupla Entrevista Inovação em dose dupla Por Juçara Pivaro Foto: L. R.Delphim Uma importante aquisição no setor de empresas fornecedoras de ingredientes ocorreu em 2012, unindo duas grandes forças desse mercado,

Leia mais

RELATÓRIO DOS ADMINISTRADORES EXERCÍCIO DE 2013

RELATÓRIO DOS ADMINISTRADORES EXERCÍCIO DE 2013 DESTAQUES DO EXERCÍCIO Aquisição de Unidade de Gás Oxo RELATÓRIO DOS ADMINISTRADORES EXERCÍCIO DE 2013 Em 6 de dezembro a Elekeiroz adquiriu os ativos da planta produtora de gás oxo da Air Products Brasil

Leia mais

FEFUC - FOLDER EXPLICATIVO DE FUNCIONAMENTO DE CURSOS CURSO DE FARMÁCIA 1ª LINHA CONCEITUAL: CARACTERIZAÇÃO DO PROFISSIONAL DE FARMÁCIA

FEFUC - FOLDER EXPLICATIVO DE FUNCIONAMENTO DE CURSOS CURSO DE FARMÁCIA 1ª LINHA CONCEITUAL: CARACTERIZAÇÃO DO PROFISSIONAL DE FARMÁCIA 1 FEFUC - FOLDER EXPLICATIVO DE FUNCIONAMENTO DE CURSOS CURSO DE FARMÁCIA 1ª LINHA CONCEITUAL: CARACTERIZAÇÃO DO PROFISSIONAL DE FARMÁCIA O PROFISSIONAL FARMACÊUTICO O Farmacêutico é um profissional da

Leia mais

CASE TICKET: DESENVOLVIMENTO DA LIDERANÇA PARA SUSTENTABILIDADE DO NEGÓCIO

CASE TICKET: DESENVOLVIMENTO DA LIDERANÇA PARA SUSTENTABILIDADE DO NEGÓCIO CASE TICKET: DESENVOLVIMENTO DA LIDERANÇA PARA SUSTENTABILIDADE DO NEGÓCIO Edna Bedani Abril 2013 MUITO PRAZER, SOMOS A EDENRED! Uma empresa internacional, líder em cartões e vouchers de serviços pré-pagos.

Leia mais