News. LIDERANÇA JOVEM NAS DECISÕES Uma tendência organizacional Pág. 6

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "News. LIDERANÇA JOVEM NAS DECISÕES Uma tendência organizacional Pág. 6"

Transcrição

1 LET S TALK O chat do Grupo LET para esclarecer questões de RH e mercado de trabalho Pág. 11 News A revista do Grupo LET Recursos Humanos N 0 11 Setembro / Outubro 2008 Ano 2 ENTREVISTA Leila Felício (Globosat) Qualidade de vida no trabalho é imprescindível para ambiente inovador Pág. 3 ESPECIAL Marcus Vinícius Freire (Chefe da Missão Olímpica) revela bastidores de Pequim 2008 Pág. 12 Da esquerda para a direita: Eduardo Saggioro, (Visaggio) Rodrigo Caserta, (TOTVS Consulting) Jayme Chataque, (Cargill Brazil Foods) Mariana Nejaim, (Souza Cruz) João Alberto Abreu, (Shell Brasil) Beatriz Fortunato, (grande instituição do mercado financeiro) LIDERANÇA JOVEM NAS DECISÕES Uma tendência organizacional Pág. 6

2 INSTITUCIONAL EDITORIAL Jovens decidindo o mercado precisa cada vez mais deles Caros leitores, Nesta edição abrimos espaço a alguns jovens que são exemplos para um mercado de trabalho em constante transição. Há um pouco de tudo: o empreendedor com seu próprio negócio, o líder que faz carreira no exterior, o talento em empresa que dá oportunidades, entre outros. Todos tomam decisões que influenciam o rumo de seus negócios! A importância de inspirar pelo exemplo tem sido notória em um mercado repleto de gestores caçando raros talentos. Gestores e profissionais que também devem se espelhar no exemplo deixado por Luiz Carlos Campos, profissional de RH que nunca deixou de inspirar corações e mentes por este Brasil. Nesta página, um depoimento marcante de Luiz Augusto Costa Leite sobre o saudoso ser humano que nos deixou há exatos três anos um amigo para sempre! Sangue novo e inovação não se fazem sem qualidade de vida. Por isso, honramo-nos em publicar a entrevista de Leila Felício, Diretora de Recursos Humanos da Globosat, ocasião rara, como ela mesma reconhece. Leila nos revela detalhes interessantes do programa de qualidade de vida da empresa líder em seu mercado. Não acabou. Um banho de cultura chinesa e bastidores interessantes direto de Pequim, onde aconteceu a última edição dos Jogos Olímpicos, nos são trazidos pelo Personagem da edição, Marcus Vinícius Freire, ex-jogador da geração de prata do vôlei (1984) e Chefe da Missão Olímpica Brasileira Pequim 2008 pelo COB. Temos ainda cirurgia ocular, os diferenciais de uma boa gestão empresarial de saúde e dicas de livros. É só folhear e aproveitar! Boa leitura PAPO COM O LEITOR Foto: Alexandre Peconick Joaquim Lauria Diretor Executivo do Grupo LET HOMENAGEM LUIZ CARLOS CAMPOS O homem que transformava idéias em valores (ex- Presidente da ABRH Rio e ABRH Nacional) Luiz Carlos Campos unia como poucos o ser humano ao profissional, mostrando como fazer a diferença no dia a dia com simplicidade, objetividade, verdade e bondade. No mês de setembro, em que lembramos os três anos da falta que ele faz não apenas à área de RH, NEWSLET convida Luiz Augusto Costa Leite, Coordenador do Comitê de Criação do CONARH, a deixar aqui um depoimento especial para lembrá-lo: O Luiz tinha um compromisso com a vida, muito além das organizações, acreditava que era necessário esforço para conquistar essa vida. Conseguia se movimentar com desenvoltura pelas diferentes esferas culturais e intelectuais. Nunca via um assunto ou tema apenas por uma faceta, mas por um olhar abrangente. Era um articulador em sua essência. Ia até as últimas conseqüências para fazer valer sua atitude de contribuição, sempre dando a todos os que estavam próximos espaço para refletir e rever posições. De pequenos gestos sempre tirava grandes lições que o ajudavam a conviver melhor com os outros. Mas era uma pessoa fortemente voltada para atingir resultados. E um desses grandes resultados foi o de trazer para o Brasil em 2004 o 10º Congresso Mundial de Recursos Humanos. Trata-se de um marco na história dos eventos de aprendizagem coletiva no Brasil e um dos melhores congressos realizados na história. O Luiz conseguiu fazer aqui uma representação do pensamento de gestão de pessoas do mundo inteiro, com profissionais vindos, por exemplo, dos EUA e da Índia - quando este país não era o ícone atual. Foi o primeiro congresso em gestão de pessoas que abordou a área da Sustentabilidade, gerando surpresa para muitos. O Luiz já antevia o que iria acontecer com este tema e não temia reações à sua ação inovadora. Ele cativava as pessoas porque elas se viam refletidas nele; porque aquilo que ele melhor mostrava era o que as pessoas queriam ver de melhor para elas. Não é fácil ser um líder, porque você tem que levar ao grupo uma posição pessoal e o Luiz fazia isso mostrando que líder não é fazer com que os outros te sigam, mas servir aos outros. Ele transformava idéias em valores. Foto: Arquivo pessoal 2 Setembro / Outubro 2008

3 ENTREVISTA ENTREVISTA ESPECIAL LEILA FELÍCIO Diretora de RH da Globosat Programas de Qualidade de Vida bem estruturados retém talentos Foto: Divulgação/Globosat Um vôo de asa delta, um mergulho em uma ilha ou uma caminhada com um grupo de 50 funcionários para sair da rotina do dia a dia e buscar desafios que gerem ambiente inovador no trabalho. Estas são algumas das facetas interessantes dos programas de qualidade de vida desenvolvidos pela equipe de Recursos Humanos da Globosat muito bem orientada por sua Diretora, Leila Felício. Estar à frente da Diretoria de RH da líder em TV por assinatura no Brasil não é mais novidade para a psicóloga Leila Felício. Os projetos a desenvolver, os prazos a cumprir e conciliar interesses da Globosat e de seus funcionários são parte do dia-a-dia dessa carioca mãe de dois filhos. As relações humanas no trabalho exercem fascínio sobre esta profissional cuja experiência sempre esteve ligada ao RH de empresas, como ISOPE, Caraíba Metais, Petróleo Ipiranga, Globopar e TV Globo, além de ter integrado a equipe da Secretaria de Administração Pública (Escolinha de Arte do Brasil). Nesta última, realizava trabalho de recuperação e capacitação com crianças autistas para, nas suas palavras, entender toda a diversidade do ser humano. Desde o seu início na Globosat, em 1994, buscou criar um ambiente de trabalho inovador. A prática de realizar programas de qualidade de vida faz parte deste tipo de ambiente. Apesar da agenda repleta de compromissos, Leila dedicou um tempo para dividir com os leitores de NEWS- LET as práticas que vem desenvolvendo na Globosat. NEWSLET Como a Globosat incentiva a promoção da saúde? Leila Felício É importante que a empresa ofereça oportunidades para que as pessoas observem suas necessidades físicas e repensem a sua saúde em geral. Por este motivo, realizamos eventos de promoção de saúde e prevenção de doenças. Temos a Semana da Saúde, que acontece duas vezes por ano, abordando os seguintes temas: terapias alternativas e avaliações médicas, tais como: avaliação da função pulmonar; avaliação oftalmológica; cardiológica; teste de glicose; colesterol e várias outras ações preventivas. Duas vezes por ano realizamos as Ações de Saúde cujos temas, nos últimos dois anos, têm sido a orientação nutricional, estímulo à adoção de bons hábitos alimentares e o controle do estresse. NEWSLET O conteúdo dos programas de qualidade de vida também contemplam ações que proporcionem ao funcionário uma saudável saída da rotina? Leila Felício Sim, um grande exemplo é o Mexa-se!, o programa de combate ao sedentarismo. Ele procura incentivar a prática de atividades físicas e despertar o interesse por meio de ações desafiantes, como um vôo de asa delta, um mergulho em uma ilha ou uma caminhada radical com um grupo de funcionários, saindo fora da rotina de academia. São atividades outdoor, que acompanham esta tendência de fazer exercícios ao ar livre, geralmente praticadas por grupos de 50 a 100 pessoas que se inscrevem pela intranet da empresa. Este tipo de atividade estimula o nosso público, que é muito jovem e gosta de desafios. E um dos melhores desafios é vencer a inércia, se mexer e cuidar da saúde! O Serviço Médico Setembro / Outubro

4 ENTREVISTA acompanha de perto esta saída da inércia, para avaliar se o funcionário tem condições de participar com segurança de determinadas atividades. NEWSLET Que outros benefícios o Serviço Médico da Globosat disponibiliza aos funcionários? Leila Felício - O Serviço Médico também realiza consultas e exames, oferecendo programas diferenciados, como medicina homeopática, acompanhamento nutricional individual, além de referendar os convênios que firmamos com diversos profissionais de saúde, como psicoterapeutas (Programa de Apoio Emocional), clínicas que oferecem apoio ao funcionário que deseja parar de fumar e muito mais. Para complementar estas ações, temos também um restaurante com opções saudáveis e supervisionado por uma nutricionista que está sempre pesquisando para aprimorar a alimentação oferecida aos nossos profissionais. Ela trabalha em parceria com o serviço médico. NEWSLET E vocês encaram a ergonomia no trabalho como um aspecto que impacta nos resultados? Leila Felício Sim. Contratamos uma equipe especializada, composta por fisioterapeutas, para implementar a ginástica laboral em alguns setores da empresa. Esta equipe também realiza a análise ergonômica do posto de trabalho do funcionário, orientando como ele deve se sentar, as pausas que deve fazer, o melhor local para o computador, etc. durante esta resposta a entrevistada fez uma pausa para mostrar à NEWSLET uma aula de ginástica laboral que acontecia naquele momento. Passamos mais tempo no escritório do que em casa, daí a importância do profissional ter as melhores condições de trabalho possíveis, para que ele possa ter o seu melhor desempenho. 4 Setembro / Outubro 2008 NEWSLET E como o RH faz o planejamento para a aquisição de novos produtos e eventos relacionados à qualidade de vida? Leila Felicio O Serviço médico, através do PCMSO (Programa de Controle Médico e Saúde Ocupacional), avalia quais são as queixas mais freqüentes no exame periódico e, a partir daí, são elaboradas as ações para dar dicas e orientações para solucionarmos os problemas encontrados. Por exemplo, se percebermos um grande número de reclamações de doenças músculo-esqueléticas, poderemos trazer profissionais desta área para fazer um trabalho neste sentido com os funcionários. Se foi detectado que os níveis de estresse estão elevados, podemos oferecer as terapias alternativas. Esta análise nos ajuda a ter o melhor planejamento das ações de saúde, gerando um ambiente de trabalho mais saudável. Qualidade de vida é um dos focos do RH. "Atividades outdoor estimulam nosso público que gosta de desafi os e um dos melhores é vencer a inércia cuidando da saúde" Foto: Divulgação/Globosat NEWSLET Você acredita que este modelo de atuação do RH da Globosat reduz o absenteísmo na empresa? Leila Felício Acreditamos que, com o nosso modelo de atuação, as pessoas vêem que o RH é um parceiro na busca por alternativas, indicando sempre os melhores profissionais e reforçando a importância para que ele cuide de sua saúde e, conseqüentemente, amplie a sua qualidade de vida. Até porque sabemos que, se a pessoa não está bem da cabeça, fica doente e os resultados caem. Se em determinada área muita gente estiver indo ao posto médico, temos que procurar o gestor daquela área, pois pode ser um sinal de que algo deve ser melhorado. NEWSLET E como é fazer RH em TV a cabo? É diferente da TV comum? Leila Felicio Gente é gente em qualquer lugar. O que as difere é como essas pessoas podem se expressar na empresa e na Globosat há espaço saudável para a expressão pessoal. É exatamente a possibilidade de participar, se envolver e ter um espaço de criação. Quem atua em TV tem que ter total autonomia para trabalhar, é da natureza da função. Somos poucos fazendo muita coisa. Acreditamos ser esse o nosso diferencial, o que se reflete no nosso baixo turnover em relação ao mercado.

5 PARCEIROS LET SINÔNIMO DE RESPEITO Foto: Divulgação/Joll À SAÚDE EMPRESARIAL DIA A DIA Palestras de promoção e prevenção de saúde, mapeamento da saúde dos funcionários e dependentes da empresa, montagem de programas de qualidade de vida e sistema on line de acompanhamento de saúde são alguns dos principais diferenciais oferecidos pela Joll Gestão em Saúde Empresarial a organizações dos mais diversos setores. Criada pelo saudoso Luiz Carlos Campos (ex-presidente da ABRH-Rio e ABRH Nacional) em 1995 a Joll - parceira do Grupo LET - é dirigida pelos seus três filhos e sócios Rodrigo, Helena e Christiano Campos (da esquerda para direita na foto). Atendendo empresas de todo o país com pacotes customizados hoje são mais de 100 clientes e algo em torno de 30 mil vidas a Joll oferece muito mais do que gestão do plano de saúde. Como exemplo, um dos grandes problemas hoje com funcionários de empresa é que alguns remédios ou são caros ou pouco se encontram em farmácias. O programa de medicamentos que oferecemos soluciona isso, informa Rodrigo Campos. Outra questão a ser resolvida é a falta ou excesso de informações equivocadas sobre as novas regras nos planos de saúde, ou a respeito do que as empresas podem ou não oferecer aos seus colaboradores. Um homem solteiro de 30 anos não pode se submeter a uma vasectomia devido a uma lei da família; faz parte do nosso negócio orientar gestores e funcionários sobre as leis que impactam nos planos de saúde, esclarece um dos diretores da Joll. Com a gestão de pessoas cada vez mais ocupada por inúmeras tarefas, diminui a noção do gestor sobre as exatas necessidades de seu quadro funcional. Por isso quando entramos em uma empresa oferecemos de imediato um diagnóstico completo e não cobramos nada por ele, destaca Rodrigo que também enfatiza os valores: ética, transparência, honestidade, inovação e foco no cliente como marcas do trabalho de Luiz Carlos Campos que continuam intensas na Joll. São segredos para a fidelização de clientes. Por meio da conscientização das pessoas, sabemos que podemos reduzir a utilização do plano, minimizando as chances de reajuste na apólice, promovendo a qualidade de vida. Ginástica laboral, criação e administração de ambulatórios médicos, seguro de vida, previdência privada e suporte na contratação de empresas de medicina do trabalho também estão entre os produtos e serviços que são oferecidos às empresas. Para a Joll o RH da empresa tem muitas atividades que sobrecarregam o setor e consequentemente elevam o estresse. Não deixamos que o cliente faça nada em serviços de saúde, isso acaba desafogando os gestores das empresas, revela Helena Campos, Diretora-Sócia. Embora só venda contratos à pessoas jurídicas, a Joll tem amplo respeito por cada um daqueles que vestem a camisa de seus clientes. Há uma central de atendimento não somente para o RH, mas para qualquer funcionário da empresa que pode falar diretamente com a equipe de atendimento da Joll. Ninguém fica sem atendimento, assegura Helena Campos. E quando uma empresa concorrente se aproxima dos serviços da Joll em termos de abrangência, seus profissionais garantem já estar se antecipando a uma tendência futura, lançando algum serviço ou novo formato de atendimento. Nosso objetivo é estar sempre um passo a frente na gestão de saúde, finaliza Rodrigo. Setembro / Outubro

6 CAPA - MERCADO UMA AULA DE GESTÃO JOVEM Profissionais entre 25 e 38 anos que decidem o rumo dos negócios Inovação Mariana Nejaim, Gerente de Remuneração, recebe constante estímulo da Souza Cruz para refletir e inovar Foto: Alexandre Peconick 6 Setembro / Outubro 2008 Ofantástico desenvolvimento tecnológico e o crescimento de uma geração plugada inflacionaram os perfis profissionais gerando problemas na capacitação e caça por talentos. Resultado: jovens formados por grandes escolas e universidades assumem posições de direção e decisão em empresas ou mesmo em negócios próprios. Eles hoje são a cereja do bolo. Apresentamos seis exemplos desse novo profissional com sede de flexibilidade, inovação e sustentabilidade. Para a Profª Alice Ferruccio, que trabalha com 1000 estudantes por ano na UFRJ e IME em gestão do conhecimento e orientação de carreira, o jovem tem à sua disposição mais ferramentas tecnológicas disponíveis para lhe ajudar a tomar decisões; mas poucos são os que as usam acertadamente, pois precisam fazer imersão em si mesmos antes de alcançar todo o potencial, explica. Em geral jovens com alto poder de decisão sabem tudo (ou quase tudo) de confecção de banco de dados, sistema integrado de gestão, planejamento estratégico, entre outros. Mas são seres humanos que lutam para equilibrar vida pessoal e profissional ao expor uma natureza multifuncional como células de seu talento. Aos 30 anos, casado e residindo em Plymouth (próximo a Minneapolis norte dos EUA), Jayme Chataque é Consultor de Desenvolvimento de Negócios da plataforma de negócios da Cargill Foods Brazil, que fornece ingredientes alimentícios para grandes indústrias como a Coca-Cola. Atua em projetos de crescimento, estratégias, fusões & aquisições e dá suporte às empresas na definição de negócios. Desde cedo acreditou em todas as oportunidades. Graduado em Engenharia de Produção (UFRJ) e com MBA em Gerência de Projetos (FGV), Jayme veio de uma família de classe média igual a muitas outras. A mãe o educou sem o suporte do marido desde quando o Jayme era criança e lutou com dificuldade para pagar os estudos do filho. Um boa conjugação entre o network por meio da Fundação Estudar e a sólida formação acadêmi-

7 CAPA - MERCADO Foto: Arquivo pessoal Vencendo lá fora Adaptado aos arredores de Minneapolis EUA (foto), Jayme Chataque toma decisões estratégicas aos negócios da Cargill Foods Foto: Site Sxc.hu ca do Instituto de Empresa de Madrid (Espanha) permitiram a Jayme várias oportunidades de entrevistas para trabalho, sendo curiosamente, a última delas, a da Cargill no Brasil. Aprendi que nunca podemos fechar portas, por mais desconhecido que possa ser o negócio, lembra Jayme, que nunca tinha ouvido falar da Cargill dentro do agribusiness. Logo na entrevista de seleção Jayme se confessou seduzido pelo plano agressivo de crescimento da Cargill Foods, unidade de negócio da Cargill no Brasil. Logo ao assumir, ainda em São Paulo, mergulhou no desafio de reestruturar o processo de gestão de vendas. Em geral, te olham esperando pouco; este é o momento de o jovem se expor ao risco para provar sua capacidade ou se antecipar aos problemas apresentando soluções: levante o dedo e diga: quero fazer!, mesmo que represente risco acima da média, sugere. Para Jayme, o brasileiro que deseja se expor a uma cultura diferente pode se haver bem no exterior. Basta se conhecer e estar feliz no trabalho, acredita o consultor da Cargill que define a capacidade de ter equilíbrio emocional para lidar com equipes em alto nível de estresse como um de seus maiores talentos. Do Brasil, Jayme sente saudade Foto: Alexandre Peconick da família, das baladas e dos jogos do Fluminense no Maracanã. Vida pessoal e trabalho para Eduardo Saggioro, carioca, 29 anos, são umbilicais. Embora saia com amigos e tenha seu tempo de lazer ele admite não tirar férias há quatro anos. Mas esta foi sua escolha e assegura estar feliz. Em 2003, ao lado de quatro sócios todos à época entre 23 e 25 anos, colegas de Engenharia de Produção - abriram a empresa Visagio, que presta serviço em consultoria e implantação de tecnologias de gestão Ascensão Eduardo Saggioro, um dos Diretores da Visaggio: força jovem no ascendente mercado da Engenharia de negócios. Hoje a Visagio tem cerca de 120 colaboradores e a inovação constante atrai clientes não apenas do Brasil, mas de países como Itália, Suíça, França e Canadá. Geramos empregos de altíssima qualidade para profissionais empreendedores por natureza, com talento para aprender, ter e reter rede de contatos qualitativa e fazer algo muito além do comum, informa Eduardo que tem também Mestrado na Politécnica de Turim (Itália) e domina com fluência quatro línguas estrangeiras. Setembro / Outubro

8 CAPA - MERCADO A visão de negócios desses jovens vai mais além. Eles investem em capacitação do conhecimento dos colaboradores dando-lhes mais de 100 horas de treinamento e trazendo profissionais para palestras que incluam temas como motivação e liderança. Os sócios da Visagio buscam conhecimentos novos sobre suas áreas de atuação o tempo todo e uma delas é o aprimoramento na gestão de pessoas tendo a virtude de saber ouvir pessoas com mais experiência. Gerações não se excluem, se complementam em meio a oportunidades, avalia o líder da Visagio. Para aqueles que querem empreender um negócio, o líder jovem sugere que inicialmente seja feito um mapeamento de mercado, avaliando possibilidades de lucro e prejuízo, bem como prazos para se alcançar metas. Deve-se também saber medir quais são suas forças e fraquezas enquanto pessoa e enquanto empresa, ressalta Saggioro. Ele explica que o mercado de Engenharia demanda muitos jovens porque se precisa de profissionais com muita energia e bagagem técnica para lidar com recursos em abundância em todo o Brasil. Mas como a Visagio vende consultoria em gestão com profissionais pouco experientes? Para Saggioro, há uma saída: mostrar logo a que veio. Faça o trabalho se preocupando mais com os resultados que ele vai gerar para o seu cliente do que com o quanto você vai ganhar. E não descanse até gerar esses resultados! Imagem se constrói em cima disso! Ganhos pessoais são conseqüências., alerta. Outro tipo de jovem que toma decisões é o que faz parte de uma empresa com tradição no mercado. Há empresas com alto índice de jovens nas funções decisórias, mas com 8 Setembro / Outubro 2008 Foto: Divulgação/TOTVS Consulting gestores experientes lhes dando suporte, ressalta Alice Ferruccio, que é Diretora do Grupo Gestão do Conhecimento da ABRH-RJ. É o caso de Mariana Nejaim, carioca, 25 anos, solteira e graduada em Psicologia. Em dezembro do ano passado ela assumiu e Gerência de Remuneração da Souza Cruz. Entre suas responsabilidades, além do gerenciamento dos modelos de remuneração e benefícios, está o desenvolvimento de ciclos de pesquisas salariais, cujos resultados têm impacto nas negociações sindicais para definições de aumentos salariais que refletem em toda a empresa. O trabalho de Mariana em planejar como a empresa vai lidar com todos os impactos financeiros é compartilhado com uma gerência sênior da área. Tenho na Souza Cruz oportunidades de desenvolvimento e participação; entregam-me uma alta carga de responsabilidade muito cedo, o que gera desafios interessantes e raros Da esquerda para a direita a equipe da TOTVS: Fabiane Meireles, Rodrigo Caserta, Thaís Silva e Tarcísio Adamek Foto: Alexandre Peconick A Consultora, Profª e Psicóloga, Alice Ferruccio

9 CAPA - MERCADO em outras organizações, afirma Mariana, que começou na empresa como estagiária em Treinamento no ano de 2004 e ingressou no quadro gerencial por meio do programa de trainee. Um passo chave na formação desta profissional foi o intercâmbio que ela realizou na Universidade de Notre Dame, em Southbend (Indiana EUA). Um grande ponto nesta experiência internacional foi o de poder olhar a Psicologia pelo viés organizacional, aponta Mariana. Assim como Jayme e Eduardo, Mariana também teve a vital experiência de atuar por uma empresa jr., aprendendo ali a amadurecer sua capacidade de tomar decisões. E mesmo após o amadurecimento, a Souza Cruz proporcionou à Mariana aprimorar competências como liderança, gestão de conflitos, inovação e gestão de projetos. Somos estimulados a refletir sobre isso o tempo todo, confirma a Gerente de Remuneração, que em momentos de crise ressalta a importância de se compartilhar idéias entre líderes e liderados, abrindo o jogo sempre. Mariana revela que não se sente tão jovem e adora trabalhar. O que me facilita muito conciliar trabalho com vida pessoal é o suporte que a empresa dá em qualidade de vida; assim quando estou trabalhando não perco praia ou viagem, mas ganho algo que tenho prazer, confessa. A questão de compatibilizar trabalho com vida pessoal depende da empresa, mas também muito do profissional. Foi o que aconteceu com Rodrigo Caserta, 32 anos, carioca, casado, pai de dois filhos e atual Consultor Executivo da Totvs Consulting (do Grupo Totvs) cargo de diretoria. Para ficar perto da família, ele trocou há seis meses o Rio de Janeiro por São Paulo. A Totvs Consulting trabalha nas dimensões de estratégia, processos, pessoas, tecnologia e gestão para diversos segmentos Foto: Alexandre Peconick de negócio. Hoje me preocupo mais com o lado pessoal, pois sem felicidade em casa não haverá no trabalho; da mesma forma ajo com colaboradores da minha equipe, porque se não for assim a relação deles com a empresa não será duradoura, analisa Rodrigo, engenheiro de produção que tem MBA em Finanças pelo IBMEC e atua há 11 anos em consultoria. Na concepção deste consultor, talento se aprimora com o somatório de um ambiente intelectualmente estimulante, sede de informações, objetivos e disciplina. Antes de ingressar em uma oportunidade nova procuro estar antenado com a demanda a curto prazo dos clientes, além do objeto do projeto, esclarece Rodrigo que estuda ao mesmo tempo evolução das pessoas, processos organizacionais e tecnologias. Como as pessoas absorvem, usam e interagem deve ser um foco constante para mim, sintetiza. A atitude proativa de Rodrigo lhe trouxe desde cedo a confiança dos profissionais que estão há mais tempo do que ele no mercado. Seu primeiro desafio de liderança foi superado aos 24 anos ao conduzir uma equipe de sete pessoas em um projeto de deadline apertado e alto nível de Multicultural João Alberto Abreu, Diretor de Operações e Vendas, também aprimora suas competências por meio do network com as diferentes culturas das pessoas da Shell Brasil estresse. Envolvi a todos, motivando e aproveitando os mais experientes como coachs informais do projeto, lembra. Para Rodrigo um dos segredos do sucesso é realizar uma boa gestão do conhecimento não apenas atualizando informações técnicas, mas, sobretudo, aprendendo novas formas de se moldar em termos de atitudes, palavras e gestos nas situações mais distintas possíveis. E para permanecer muito tempo em uma empresa esta gestão requer inovação e/ou um job rotation. João Alberto Abreu, de 38 anos, há 15 na Shell Brasil, é o Diretor de Operações e Vendas. Pela empresa já esteve em Londres, São Paulo e Buenos Aires ocupando sempre cargos que contribuíram em sua formação global. Sempre tive novos projetos e desafios que aprimoram competências e o contato multicultural da Shell também nos dá suporte à geração de novas idéias, conta João Alberto, que é baiano, casado e pai de dois filhos. João Alberto tem sob sua responsabilidade uma rede de postos de combustível que vai do Rio de Janeiro até a região Norte do Brasil, passando por diversos estados. Ele gerencia uma equipe de vendas tomando deci- Setembro / Outubro

10 CAPA - MERCADO 10 Setembro / Outubro 2008 Auto-conhecimento A psicanálise dá suporte à Beatriz Fortunato para a superação de limites Foto: Arquivo pessoal sões diárias que exigem muita sensibilidade e visão sistêmica. Mais do que aliar valores pessoais aos da empresa durante o job rotation, João Alberto incluiu outros dois ingredientes em sua receita de ascensão: Juventude e energia não adiantam; se você não tiver muita paixão e autoconfiança, a vitória não vem, alerta. E para que nem tudo dependa da empresa, João Alberto também amplia seus horizontes por meio da leitura. Atualmente está lendo Execução, de Larry Bossidy e Ram Charan e A Estratégia do Oceano Azul, de de W. Chan Kim e Renée Mauborgne. Este último nos indica como explorar novas chances de negócio que ainda não foram descobertas pela concorrência, informa o executivo jovem da Shell. Manter-se equilibrada por meio do auto-conhecimento também é uma prática comum para Beatriz Fortunato, carioca, 28 anos, casada, cuja rotina inclui a administração de R$ 4 bilhões em ações aplicados. Esta Gestora de Recursos de um dos principais bancos americanos com negócios no Brasil, faz psicanálise. Com a psicanálise me entendo melhor e posso mapear com precisão como atingir e superar limites profissionais, o que na área financeira é uma necessidade, afirma Beatriz, que diz só andar de táxi para poder dar conta de todos os s que recebe via celular. Graduada em Engenharia de Produção, ela já acumula oito anos de experiência no mercado financeiro, mesmo período em que dialoga com CEOS de grandes empresas fazendo parte do Conselho de algumas - e participa da alocação de dinheiro referentes a grandes negócios. Beatriz conta que sempre foi muito estudiosa e que o excelente C.R. (coeficiente de rendimento acumulado), bem como ter vindo de uma grande instituição (UFRJ) pesou muito em seu primeiro processo seletivo de relevância. Para mercado financeiro o histórico acadêmico de uma pessoa pode me dizer mais do que 30 minutos de um bate papo com ela, aposta a executiva, que não descarta exceções. Outras competências destacadas por ela são a disposição do jovem ao risco e à ousadia aliado à sua capacidade de se comunicar em inglês muito próximo à forma como você se expressa em português. Dessa forma você extrai melhores resultados em seus negócios, indica Beatriz que no momento desenvolve um trabalho em grupo que facilita a crítica e minimiza erros. Acompanhando há 22 anos as transformações da geração plugada, a Profª Alice Ferruccio considera que mesmo com talento alguns jovens ainda não estão amadurecidos em suas escolhas em função do turbilhão de novas funções e especializações no mercado. Eles precisam investir no lado comportamental, pois alguns estão em uma área/função, mas pre- feriam estar em outra ou de repente descobrem uma especialidade que lhes parece mais interessante. Por outro lado, a Profª conta que parte das universidades brasileiras está desenvolvendo ferramentas de gestão em disciplinas que focam o SER HUMANO tanto quanto o SER PROFISSIONAL. As empresas já recebem profissionais que não apenas tiraram boas notas, mas já sabem onde o conteúdo daquilo que aprenderam será usado, atesta a consultora. Fato que também explica o aumento do número de jovens mudando o rumo das organizações. DICAS PARA TURBINAR SEU UP GRADE PROFISSIONAL 1 Mergulhe em si mesmo e entenda o que você quer e precisa para ser feliz. 2 Pesquise o mercado e elabore duas listas: de empresas e de atividades que casam com seus valores. 3 Exclua dessa busca a neura do tempo: eu tenho que conseguir isso em no máximo um ano. 4 Tenha em mente que a ansiedade excessiva é sua inimiga número um. 5 Esteja disponível para trabalhar em qualquer lugar (bairro, cidade, estado ou país). 6 Sempre que puder conheça novas culturas e com isso aprimore sua capacidade de adaptação. 7 Aprimore seu conhecimento com leituras, cursos, palestras e similares. 8 De vez em quando faça uma pausa e medite, caminhe ou simplesmente fique em silêncio. 9 Programe parte do seu tempo para relacionamentos saudáveis, família, filhos e amigos Procure um ambiente de trabalho com o qual se identifique, onde você não seja apenas mais um.

11 SERVIÇOS LET - BATE PAPO ON LINE E aí,?? Foto: Site Sxc.hu Grupo LET inaugura chat para atender grande público Mesmo com vasta informação em sites e revistas, são comuns dúvidas sobre mercado de trabalho, currículos, posicionamentos em entrevistas, carreira, folha de pagamento, como ser um líder moderno e muito mais. Esclarecer temas como estes em uma sala bate-papo on line é uma solução eficaz que o Grupo LET Recursos Humanos encontrou para aproximar ainda mais o candidato da vaga e o cliente de seus profissionais. A partir de dezembro o Site de Grupo LET (www.grupolet.com) inaugura o LET s TALK, um chat quinzenal, na segunda e na quarta 2ª feira de cada mês, entre 15h e 17h. Um grupo de até 30 pessoas poderá interagir (perguntar, pedir, sugerir) com um convidado especial profissional do Grupo LET ou do mercado. A divulgação dos temas, convidados e inscrições será feita pelo Site de Grupo LET com a devida antecedência. As inscrições serão gratuitas e se encerram 20 minutos antes de se iniciar cada sessão do chat. O participante irá inserir nome completo, idade, para contato e nick (apelido) a ser usado na sala. As perguntas serão filtradas por um moderador que as passará ao convidado. Perguntas e respostas serão exibidas para todos os que estiverem na sala. Ao final do chat, todo o conteúdo ficará disponível em uma área do Site do Grupo LET. Não haverá limite de perguntas por cada participante. Clientes e colaboradores do Grupo LET se manifestam motivados com os benefícios a serem gerados pelo LET s TALK. Parabenizo a iniciativa inovadora do Grupo LET em termos de consultoria de RH, isso indica que vocês estão antenados com as demandas de mercado que busca a cada dia facilitar a interatividade de profissionais com ferramentas de alta tecnologia. O LET s TALK irá trazer a vocês um número bem maior de candidatos uma vez que hoje aumenta o número de usuários de Internet muito mais que o de computadores, felicita Marcele Almeida Berbert, Coordenadora de RH da Globo.com. Já Adriana Calliari, Analista de RH do Grupo LET, considera que o chat irá proporcionar um feedback altamente necessário dos candidatos em processo seletivo que ela não tinha no dia a dia. Sem dúvida, vai aprimorar nossa qualidade de atendimento, aposta. As Analistas de RH do Grupo LET têm percebido que uma série de candidatos não possui informações mínimas em relação às posturas exigidas pelo mercado de trabalho. O esclarecimento on line facilitará nosso trabalho na hora da escolha do candidato mais adequado ao perfil exigido pelas empresas, acredita Silvia Souza, Coordenadora de RH do Grupo LET. Julio César Mauro, Comercial do Grupo LET, assegura que sua área também tem muito a ganhar com o novo produto de Comunicação, pois trata-se de mais um valor agregado que permite aos nossos clientes um controle maior sobre a interatividade com muitos de seus consumidores diretos, avalia. É esperar, teclar e conferir! Setembro / Outubro

12 PERSONAGEM Marcus Vinícius Freire e a campeã olímpica do salto em distância Maurren Maggi Foto: Divulgação pessoal Marcus Vinícius Freire (Chefe da Missão Olímpica Pequim 2008) Gestor de 477 brasileiros diferenciados no outro lado do mundo Ex-jogador da histórica Geração de Prata do Vôlei (Los Angeles 1984), Marcus Vinícius Freire revela ter encerrado, após os Jogos Olímpicos de Pequim, seu ciclo como voluntário no cargo de Chefe da Missão Olímpica Brasileira, cargo que recebeu do COB (Comitê Olímpico Brasileiro) em função do talento para associar virtudes de atleta com as de profissional de marketing esportivo. Preciso abrir espaço para outros, explica este gaúcho de Bento Gonçalves, que aos 45 anos acumula três Jogos Olímpicos e três Pan-Americanos como responsável pelo gerenciamento técnico dos esportes e atletas dentro de vilas olímpicas. Graduado em Economia, com MBA em Seguros e em Marketing, sua trajetória executiva traz passagens brilhantes pela Aon 2ª maior corretora de seguros do mundo e bancos Boavista e BCN. Gosto de formar pessoas, diz Marcus, Sócio - CEO da Dream 12 Julho / Agosto 2008 Factory Sports, empresa promotora da Maratona da Cidade do Rio, entre outros eventos, referindo-se ao seu sucessor já visando os Jogos de Londres Nesta entrevista ele conta bastidores interessantes de Pequim NEWSLET Quais foram os grandes desafios do Chefe da Missão Olímpica em terras chinesas? Marcus Vinícius O primeiro começou quatro anos antes dos Jogos na fase de cinco viagens preparatórias que fiz aos pontos de competições na China. Fui construindo relacionamentos; primeiro com as autoridades locais, o embaixador e o cônsul. Depois com o comitê organizador dos Jogos, conhecendo bem a pessoa que iria cuidar de segurança, a dos transportes, a das delegações e a da alimentação. Tudo para negociar situações ideais aos atletas. Quando você se prepara com antecedência, vence dificuldades passo a passo antes dos Jogos. Chegamos à Pequim já sabedores das soluções. NEWSLET - Quais foram os hábitos locais que você passou à delegação antes do embarque para a China? Marcus Vinícius O que choca, de imediato, é a culinária. Eles comem cobras, ouriço, baratas, escorpião, cachorro e muito mais! Na educação, não que sejamos mais bem educados do que os chineses; mas é a forma deles entenderem a rotina que espanta. Fila para eles não existe, seja em banco, cinema ou aeroporto. A explicação é simples: tem tanta gente lá que se eles fossem fazer fila só o tempo de espera não lhes permitiria mais nada o dia inteiro. Não por maldade, eles furam fila. Quem chegar primeiro leva! Mais: eles cospem na rua e falam ao mesmo tempo em que comem. São coisas que você não pode estranhar porque faz parte de outra forma de se enxergar o mundo. Claro que houve

13 PERSONGEM aculturamento ocidental antes dos jogos, com cartazes pedindo que eles dessem espaço aos estrangeiros. Pedi aos atletas que não se estressassem com atitudes como estas citadas. NEWSLET Conte histórias curiosas da vila olímpica... Marcus Vinícius Havia um restaurante gratuito, com cinco mil pessoas sentadas ao mesmo tempo, sem limite de consumo e funcionando 24 horas por dia com comida ocidental, asiática, mediterrânea, muçulmana, judaica e fast food. A correria dos mais jovens era impressionante, uma loucura! Na nossa equipe havia um atleta do judô que tinha uma superalimentação, comia de 45 em 45 minutos. Outro fato interessante foi a visita do Presidente da República à delegação. Independente de quem seja ele, a figura que ele representa transmite motivação. Os atletas se sentem prestigiados e fortalecidos. O Pelé também arrastou uma multidão na vila; curiosa a sua popularidade em uma terra que não é do futebol. NEWSLET Pelé e Lula reforçaram a candidatura Rio Pelo que você viu estamos fortes rumo ao ineditismo de sediar os Jogos Olímpicos? Marcus Vinícius Senti que o Rio tem uma candidatura fortíssima com um gancho muito consistente dos Jogos realmente transformarem a cidade. Para Chicago, Tóquio e Madrid (adversárias do Rio) os Jogos não mudariam a realidade de suas cidades. Vi nas pessoas que lá estiveram uma tendência marcante de aceitação do Rio. NEWSLET Em suas palavras, que experiência você passou aos atletas e voluntários olímpicos? Marcus Vinícius Em uma primeira conversa com o staff técnico disse: Vocês não estão convidados para a festa; vieram para trabalhar e o trabalho de vocês é decisivo para que esses caras e essas moças possam mostrar o melhor de si!. E para os atletas: São 17 dias em que vocês podem virar o jogo da vida, da água para o vinho; isso aconteceu comigo, basta estar focado, esqueçam a festa e o networking e se concentrem na competição. NEWSLET Citando o Cesar Ciello Filho, campeão olímpico, você que estava ali ao lado, sentia que ele ganharia o ouro, que estava mentalmente forte para isso? Marcus Vinícius O César me impressionou desde o início. As câmeras de TV não mostravam aqui no Brasil, mas antes da competição ele foi à beira d água umas dez vezes e fazia a piscina, simulando movimento a movimento. Ele era de falar pouco. Estava certo. O César sabia também com quem ele tinha que falar, em qual momento e o quê. NEWSLET - Por que em alguns momentos decisivos de competições olímpicas parece faltar equilíbrio emocional a alguns brasileiros? É isso mesmo? Marcus Vinícius A maioria das confederações de esportes no Brasil tem psicólogo e faz trabalho intenso nesse sentido. No calor da competição acho que não faltou equilíbrio emocional. Eu inverto a questão: acho que falta ao cidadão brasileiro uma análise da dificuldade que é chegar aos Jogos Olímpicos. Não se pode analisar competição olímpica com mentalidade de futebol. A diferença entre ganhar o ouro e nem ganhar medalha passa por detalhes imponderáveis e pelo alto nível de outros atletas que estiveram melhores em uma fração de segundo ou em uma decisão de um árbitro. NEWSLET Fazer do Brasil uma potência olímpica é realmente um desafio complicado? Marcus Vinícius É uma dificuldade criarmos cultura de massa para esportes que distribuem muitas medalhas e que quase não são praticados aqui; modalidades com pouca história no Brasil, que a TV não quer mostrar e as empresas não querem investir... E depois, se você investe, mostra, traz pessoas, mas o Brasil não ganha, aí não cria cultura por aqui. NEWSLET - Qual foi seu maior aprendizado em marketing nestes Jogos Olímpicos? Marcus Vinícius Hoje há uma tendência consolidada das grandes empresas se ligarem e associarem sua marca a conceitos de trabalho de equipe, liderança e motivação por meio de mega-eventos esportivos. E eles investem fortemente em campanhas de comunicação. Fizeram campanhas maravilhosas antes dos Jogos. NEWSLET E qual foi a grande lição dos Jogos de Pequim 2008 para a vida dos atletas? Marcus Vinícius Ensinou-os a como ter uma adaptação rápida aos hábitos e cultura completamente diferentes. Aprenderam lições de disciplina incríveis dos chineses, que seguem à risca leis e padrões. Tenho quase que a certeza de que em menos de 10 anos a China vai ser a dona do mundo. Julho / Agosto

14 SAÚDE Foto: Site Sxc.hu O BEM-ESTAR DOS OLHOS Poder voltar a enxergar com nitidez de longe traz além de felicidade pessoal um ganho considerável de auto-estima e motivação para empreender novos projetos. Em geral, de cada 100 pessoas que usam óculos apenas uns cinco não se incomodam com isso. A liberdade de ver nítido sem óculos proporcionada pela cirurgia de correção ocular a laser oferece a sensação de aumento do horizonte. Constato a sensível perda de timidez em pacientes que se escondiam atrás de um alto grau de miopia e que após a cirurgia se sentem iguais a quem nunca precisou dos óculos, conta o Dr. Edigezir Barbosa Gomes, um dos oftalmologistas responsáveis por ter introduzido as cirurgias de correção de miopia e astigmatismo (há 25 anos) e também dos seus procedimentos a laser no Brasil (estes há pouco mais de 10 anos). Uma cirurgia que pode corrigir até altos graus de miopia como 9.0 ou 10.0 é praticamente indolor, leva entre 10 e 15 minutos. O paciente já vai para casa enxergando com nitidez e pode voltar a trabalhar no dia seguinte, embora se recomende dois dias de descanso. O custo da cirurgia na Clínica Harley Street (www.harleystreet.com.br) é de R$ 1300 por cada vista operada. O paciente senta-se em uma cadeira que se parece com a de um dentista. Por meio do lasik, equipamento que levanta uma camada da córnea, o Dr. Edigezir aplica o excimer laser que muda a curvatura da córnea facilitando a recuperação da nitidez da imagem. Nos primeiros dias do pós-operatório é bom evitar locais muito quentes com exposição ao sol forte. Não se recomenda praia nem piscina. A água no mar, no entanto, é até benéfica se estiver límpida, em função do iodo, substância com alto poder de cicatrização. Não há contra-indicação para a cirurgia do tipo faz mal para hipertensos ou diabéticos. O único porém fica por conta de quem tiver conjuntivite ou doenças na córnea. Neste caso é melhor tratá-las em primeiro lugar. E se após a primeira cirurgia o paciente não tiver zerado sua miopia pode-se apenas um mês mais tarde reoperar a mesma vista sem qualquer risco para a saúde ocular. O grau de segurança da cirurgia a laser evoluiu muito nos últimos anos em função da diversificação dos tipos de laser e também pelo grau de precisão que o feixe atinge dentro do olho humano. Há um tipo de laser cujo mecanismo acompanha o movimento do olho durante a cirurgia impedindo perdas na incisão do feixe de luz. Atualmente o equipamento wavefront (onda frontal) estuda simultaneamente os desvios que os raios sofrem entre 160 a 180 pontos diferentes em uma circunferência de 6 mm do globo ocular. Mesmo com todos os avanços nada substitui o cuidado que o paciente deve ter com a própria vista em casa ou no trabalho, aponta o Dr. Edigezir. Foto: Alexandre Peconick Dr. Edigezir Barbosa Gomes VEJA AQUI ALGUMAS DICAS PARA PREVENÇÃO DE PROBLEMAS E SAÚDE OCULAR: 1. Dores de cabeça constantes são indícios de problemas de vista. Se a dor estiver acima dos olhos, manifestar-se pela manhã, atenuando-se no decorrer do dia, pode ser um glaucoma crônico. A consulta ao oftalmologista é imperiosa. 2. Sentir sono quando se lê qualquer coisa, em qualquer ambiente e a qualquer hora do dia certamente aponta para um problema de vista. 3. Se você já está na faixa dos 40 anos e tem histórico de diabetes e hipertensão na família procure realizar exames além de consultar o oftalmologista (e também endocrinologista e cardiologista) para regular a pressão dos olhos e buscar tratamento que evite o glaucoma. Visão dupla ou embaçada, por exemplo, pode ser indício de diabetes. 4. Um véu que aparece de tempos em tempos diante dos olhos ou cegueira diante de luz forte indica o início de uma catarata quanto mais cedo for feita a cirurgia de catarata (fácil e segura), maiores serão as chances de recuperação da visão. 5. Lave sempre os olhos com água corrente para evitar contaminações oriundas de poeira e evite usar colírios em excesso. 14 Setembro / Outubro 2008

15 DICAS News LET LIVROS Gestão do Conhecimento no Brasil Casos, Experiências e práticas de Empresas Públicas MARIA TEREZINHA ANGELONI Editora Qualitymark A importância da Gestão do Conhecimento (GC) comprova-se pelas experiências em empresas públicas e privadas e as diversas formas de aplicação eficiente. Aqui estão exemplos bem-sucedidos de implementação da GC, demonstrando sua inter-relação com processos como planejamento, estratégia, tecnologia da informação, treinamento, entre outros. Maria Terezinha Angeloni RAPIDINHA Perguntamos à autora: Por que Gestão do Conhecimento vem ganhando tamanha força nas empresas? Com a evolução da Sociedade Industrial para a Sociedade da Informação e do Conhecimento, as organizações encontram-se inseridas em um mercado em rápida e constante evolução, no qual o ciclo de vida dos produtos é cada vez menor. Para assegurar a sobrevivência nesse ambiente e manter a competitividade, um novo modelo de gestão voltado a criação, compartilhamento, armazenamento, uso e reuso do conhecimento deve ser implementado. Portanto, gerir o conhecimento passa a ser um dos desafi os das organizações contemporâneas. Foto: Arquivo pessoal 8 Tipos de Líderes que Todo Líder Deveria Conhecer A nova psicologia em liderança de sabedoria e de prifiling que ninguém lhe ensina em Harvard DEL PE Editora Qualitymark Texto ideal para aquele não pretende ser apenas mais um entre os líderes. EXPEDIENTE Grupo LET Recursos Humanos Membro Oficial Matriz Centro Empresarial Barra Shopping - Av. das Américas 4.200, Bloco 09, salas 302-A, 308-A, 309-A Rio de Janeiro RJ tel: (21) CEP / Site: Escritório São Paulo - Rua James Watt 84, 2º andar - Brooklin Cep: São Paulo (SP) Brasil - Tel: (11) / / Escritório Curitiba - Avenida Winston Churchill sala 406, 4º andar - Pinheirinho - Cep: Curitiba (PR) Brasil - Tel: (41) Diretor Executivo: Joaquim Lauria Não se direciona apenas a líderes porque têm altos cargos, mas também a operários e funcionários comuns. Descreve uma visão global da carreira, identificando líderes concorrentes e aliados, oferecendo suporte para que você passe a entender melhor as pessoas que o cercam, evitando conflitos profissionais e pessoais. Criando o Hábito da Excelência Compreendendo a Força da Cultura na Formação da Excelência em SMS JOÃO RICARDO BARUSSO LAFRAIA, CARMEN PIRES MIGUELES E GUSTAVO COSTA DE SOUZA Editora Qualitymark Os autores utilizam casos reais de empresas nas suas buscas pela excelência em gestão da qualidade, segurança, meio ambiente e saúde (ou SMS). Argumentam que a excelência para ser atingida requer indivíduos autônomos e empoderados que compartilhem os valores da excelência e que, sobretudo, internalizem as normas como princípios para a ação empreendedora. Diretor Adjunto: Kryssiam Lauria Comercial: Julio César Mauro Revista News Publicação bimestral Setembro / Outubro 2008 Ano 2 Nº 11 Tiragem exemplares Jornalista responsável (redação e edição): Alexandre Peconick (Comunicação Grupo LET) - Mtb / para Diagramação e Arte: Murilo Lins Envie para nós suas sugestões, idéias e críticas pelo e leia as respostas no site Impressão: Walprint Gráfica e Editora Ltda. Endereço: Rua Frei Jaboatão 295, Bonsucesso Rio de Janeiro RJ Tel: (21) Montagem com fotos: Alexandre Peconick, Site Sxc.hu e arquivo pessoal dos personagens Setembro / Outubro

16

EMPREENDEDORISMO. Outubro de 2014

EMPREENDEDORISMO. Outubro de 2014 #5 EMPREENDEDORISMO Outubro de 2014 ÍNDICE 1. Apresentação 2. Definição 3. Empreendedorismo: necessidade ou oportunidade? 4. Características do comportamento empreendedor 5. Cenário brasileiro para o empreendedorismo

Leia mais

IBMEC Jr. Consultoria. A melhor maneira de ingressar no mercado de trabalho

IBMEC Jr. Consultoria. A melhor maneira de ingressar no mercado de trabalho IBMEC Jr. Consultoria A melhor maneira de ingressar no mercado de trabalho O mercado de trabalho que nos espera não é o mesmo dos nossos pais... ... ele mudou! As mudanças Certeza Incerteza Real Virtual

Leia mais

Módulo IV. Delegação e Liderança

Módulo IV. Delegação e Liderança Módulo IV Delegação e Liderança "As pessoas perguntam qual é a diferença entre um líder e um chefe. O líder trabalha a descoberto, o chefe trabalha encapotado. O líder lidera, o chefe guia. Franklin Roosevelt

Leia mais

SEMIPRESENCIAL 2013.1

SEMIPRESENCIAL 2013.1 SEMIPRESENCIAL 2013.1 MATERIAL COMPLEMENTAR II DISCIPLINA: GESTÃO DE CARREIRA PROFESSORA: MONICA ROCHA LIDERANÇA E MOTIVAÇÃO Liderança e Motivação são fundamentais para qualquer empresa que deseja vencer

Leia mais

M.Sc Angela Abdo Campos Ferreira

M.Sc Angela Abdo Campos Ferreira Nossa Missão Atrair o Talento certo para a Empresa M.Sc Angela Abdo Campos Ferreira GESTÃO DE PESSOAS Gestão Liderança + Administrativo Para se tornar um excelente gestor Para se tornar um excelente gestor

Leia mais

As 6 Práticas Essenciais de Marketing para Clínicas de Exames

As 6 Práticas Essenciais de Marketing para Clínicas de Exames As 6 Práticas Essenciais de Marketing para Clínicas de Exames Introdução Fique atento aos padrões do CFM ÍNDICE As 6 práticas essenciais de marketing para clínicas de exames Aposte em uma consultoria de

Leia mais

Coleção ajuda no sucesso profissional

Coleção ajuda no sucesso profissional COLEÇÃO Unic Josafá Vilarouca Renata Tomasetti (11) 5051-6639 josafa@unicbuilding.com.br renata@unicbuilding.com.br Coleção ajuda no sucesso profissional Série lançada pela Publifolha possui 36 títulos,

Leia mais

Faça amizades no trabalho

Faça amizades no trabalho 1 Faça amizades no trabalho Amigos verdadeiros ajudam a melhorar a saúde, tornam a vida melhor e aumentam a satisfação profissional. Você tem um grande amigo no local em que trabalha? A resposta para essa

Leia mais

ÁREA TÍTULO OBJETIVO SINOPSE RH - Liderança 1- OS 10 PAPÉIS DE UM LÍDER Trabalhar a liderança de acordo com a situação apresentada.

ÁREA TÍTULO OBJETIVO SINOPSE RH - Liderança 1- OS 10 PAPÉIS DE UM LÍDER Trabalhar a liderança de acordo com a situação apresentada. ÁREA TÍTULO OBJETIVO SINOPSE RH - Liderança 1- OS 10 PAPÉIS DE UM LÍDER Trabalhar a liderança de acordo com a situação apresentada. Best - Seller com milhares de cópias vendidas. Prático, dinâmico, com

Leia mais

Saiba como gerir uma equipe com essas dicas REALIZAÇÃO

Saiba como gerir uma equipe com essas dicas REALIZAÇÃO Comunicação empresarial eficiente: Saiba como gerir uma equipe com essas dicas REALIZAÇÃO Sumário 01 Introdução 02 02 03 A comunicação dentro das empresas nos dias de hoje Como garantir uma comunicação

Leia mais

II. NOSSA MISSÃO, VISÃO E VALORES

II. NOSSA MISSÃO, VISÃO E VALORES I. NOSSA HISTÓRIA A história da Crescimentum começou em 2003, quando o então executivo do Grupo Santander, Arthur Diniz, decidiu jogar tudo para o alto e investir em uma nova carreira. Ele optou por se

Leia mais

Relatório Gestão do Projeto 2013

Relatório Gestão do Projeto 2013 Relatório Gestão do Projeto 2013 Fundação Aperam Acesita e Junior Achievement Minas Gerais: UMA PARCERIA DE SUCESSO SUMÁRIO Resultados 2013... 6 Resultados dos Programas... 7 Programa Vamos Falar de Ética...

Leia mais

Evento técnico mensal

Evento técnico mensal Evento técnico mensal GERENCIAMENTO DE CARREIRA PARA O SUCESSO DO GESTOR DE PROJETOS Fernanda Schröder Gonçalves Organização Apoio 1 de xx APRESENTAÇÃO Fernanda Schröder Gonçalves Coordenadora do Ibmec

Leia mais

Porque fazer um curso de Coaching? Tendências do Mercado de Coaching. Um dia na vida de um Coach. Teste: Tornando-se um Coach

Porque fazer um curso de Coaching? Tendências do Mercado de Coaching. Um dia na vida de um Coach. Teste: Tornando-se um Coach ABRACOACHING 2015 1 Porque fazer um curso de Coaching? Metodologia Comprovada Resultados sem precedentes As maiores razões para escolher um coach Tendências do Mercado de Coaching Oportunidades da Carreira

Leia mais

Índice. Porque fazer um curso de Coaching? Tendências do Mercado de Coaching. Um dia na vida de um Coach. Teste: Tornando-se um Coach

Índice. Porque fazer um curso de Coaching? Tendências do Mercado de Coaching. Um dia na vida de um Coach. Teste: Tornando-se um Coach Índice Porque fazer um curso de Coaching? Metodologia Comprovada. Resultados sem precedentes As maiores razões para escolher um coach Tendências do Mercado de Coaching Oportunidades da Carreira de Coaching

Leia mais

O QUE SE ESPERA DE UMA GERENTE BARRED S

O QUE SE ESPERA DE UMA GERENTE BARRED S O QUE SE ESPERA DE UMA GERENTE BARRED S Ela lidera a equipe, contrata, acompanha e desenvolve equipes, faz o plano de vendas, cuida do ponto de venda e da vitrine, controla o estoque, monitora e motiva

Leia mais

3. Os erros têm sido cometidos exatamente onde há maior dificuldade...

3. Os erros têm sido cometidos exatamente onde há maior dificuldade... Entrevista com PEDRO MANDELLI Consultor na área de mudança organizacional, Pedro Mandelli é um dos maiores especialistas em desenho e condução de processos de mudança em organizações. É professor da Fundação

Leia mais

Formar LÍDERES e equipes. Atrair e reter TALENTOS. www.grupovalure.com.br

Formar LÍDERES e equipes. Atrair e reter TALENTOS. www.grupovalure.com.br Formar LÍDERES e equipes. Atrair e reter TALENTOS. www.grupovalure.com.br www.grupovalure.com.br Estes são alguns dos grandes desafios da atualidade no mundo profissional e o nosso objetivo é contribuir

Leia mais

BOLETIM INFORMATIVO 11/2010

BOLETIM INFORMATIVO 11/2010 Sindicato das Secretárias e Secretários do Estado do Rio Grande do Sul SISERGS Unindo você a todos os Secretários do RS! SISERGS BOLETIM INFORMATIVO 11/2010 Dia 06 de novembro ocorreu o penúltimo treinamento

Leia mais

Professora Débora Dado. Prof.ª Débora Dado

Professora Débora Dado. Prof.ª Débora Dado Professora Débora Dado Prof.ª Débora Dado Planejamento das aulas 7 Encontros 19/05 Contextualizando o Séc. XXI: Equipes e Competências 26/05 Competências e Processo de Comunicação 02/06 Processo de Comunicação

Leia mais

AUTORAS ROSANGELA SOUZA

AUTORAS ROSANGELA SOUZA AUTORAS ROSANGELA SOUZA Especialista em Gestão Empresarial com MBA pela FGV e Professora de Estratégia na Pós-Graduação da FGV. Desenvolveu projetos acadêmicos sobre segmento de idiomas, planejamento estratégico

Leia mais

0 21 anos: Fase do amadurecimento biológico 21 42 anos: Fase do amadurecimento psicológico mais de 42 anos: Fase do amadurecimento espiritual

0 21 anos: Fase do amadurecimento biológico 21 42 anos: Fase do amadurecimento psicológico mais de 42 anos: Fase do amadurecimento espiritual Por: Rosana Rodrigues Quando comecei a escrever esse artigo, inevitavelmente fiz uma viagem ao meu passado. Lembrei-me do meu processo de escolha de carreira e me dei conta de que minha trajetória foi

Leia mais

www.marcelodeelias.com.br Palestras Inteligentes

www.marcelodeelias.com.br Palestras Inteligentes www.marcelodeelias.com.br Palestras Inteligentes Sólidos conteúdos com alegria - essas são algumas características das palestras de Marcelo de Elias. Outra característica marcante: Cada palestra é um projeto

Leia mais

Utilizando a Inteligência Competitiva para Tomar Decisões

Utilizando a Inteligência Competitiva para Tomar Decisões Utilizando a Inteligência Competitiva para Tomar Decisões São Paulo, 9 de outubro de 2006. 0 Apresentação da MKM Consulting 1 Mauro Martins Sócio Diretor da MKM Consulting MKM Consulting Mauro Martins

Leia mais

APRESENTAÇÃO INSTITUCIONAL. 02/01/2013 rev. 00

APRESENTAÇÃO INSTITUCIONAL. 02/01/2013 rev. 00 APRESENTAÇÃO INSTITUCIONAL 02/01/2013 rev. 00 PAUTA INSTITUCIONAL Sobre a Harpia OUTRAS INFORMAÇÕES Clientes Parceiros SERVIÇOS Responsabilidade Social Consultoria & Gestão Empresarial Planejamento Estratégico

Leia mais

Lanches ser hoje uma referência gastronômica em Londrina.

Lanches ser hoje uma referência gastronômica em Londrina. EntreVISTA Fotos: Divulgação/Shutterstock O grande empreendedor encara os desafios Entre esperar o livro pronto e escrevê-lo, o comerciante Arnaldo Tsuruda preferiu seguir pela segunda opção. A história

Leia mais

A Paralisia Decisória.

A Paralisia Decisória. A Paralisia Decisória. Começo este artigo com uma abordagem um pouco irônica, vinda de uma amiga minha, que, inconformada como a humanidade vêm se portando perante a fé em algo superior, soltou a máxima

Leia mais

LinkedIn - Tendências globais em recrutamento para 2013 1

LinkedIn - Tendências globais em recrutamento para 2013 1 LinkedIn - Tendências globais em recrutamento para 2013 Visão Brasil As cinco principais tendências em atração de talentos que você precisa saber 2013 LinkedIn Corporation. Todos os direitos reservados.

Leia mais

TEOREMA CONSULTORIA Rua Roma, 620 Sala 81-B,Lapa Capital- SP CEP: 05050-090 www.teoremaconsult.com.br

TEOREMA CONSULTORIA Rua Roma, 620 Sala 81-B,Lapa Capital- SP CEP: 05050-090 www.teoremaconsult.com.br Cursos para Melhoria do desempenho & Gestão de RH TEOREMA CONSULTORIA Rua Roma, 620 Sala 81-B,Lapa Capital- SP CEP: 05050-090 www.teoremaconsult.com.br Administração do Tempo Ampliar a compreensão da importância

Leia mais

Expectativas e desafios do jovem no mercado de trabalho:

Expectativas e desafios do jovem no mercado de trabalho: ASSUNTO em pauta Expectativas e desafios do jovem no mercado de trabalho: comunicação entre jovem e empresa Velychko 30 REVISTA DA ESPM maio/junho de 2011 O jovem quer seu espaço no mercado de trabalho.

Leia mais

31 descobertas sobre liderança

31 descobertas sobre liderança ALTA GERÊNCIA 31 descobertas sobre liderança Estudo Leadership Forecast 2005-2006, realizado pela firma de consultoria Development Dimensions International (DDI), buscou analisar como são percebidas em

Leia mais

Gestão da Comunicação em Situações de Crise no Ambiente Médico-Hospitalar

Gestão da Comunicação em Situações de Crise no Ambiente Médico-Hospitalar Gestão da Comunicação em Situações de Crise no Ambiente Médico-Hospitalar Sumário Prefácio: Os hospitais não são essenciais Introdução: O sistema hospitalar mudou, mas continua o mesmo! Imagem pública

Leia mais

AGENDA. 5ª Edição. Hotel Staybridge. Realização:

AGENDA. 5ª Edição. Hotel Staybridge. Realização: AGENDA 5ª Edição D? 06 de Maio de 2015 Hotel Staybridge Realização: w w w.c o r p b us i n e s s.c o m.b r Patrocínio Gold Patrocínio Bronze Apoio Realização: APRESENTAÇÃO C GESTÃO DE PESSOAS: DESAFIOS

Leia mais

Estimativas Profissionais Plano de Carreira Empregabilidade Gestão de Pessoas

Estimativas Profissionais Plano de Carreira Empregabilidade Gestão de Pessoas By Marcos Garcia Como as redes sociais podem colaborar no planejamento e desenvolvimento de carreira (individual e corporativo) e na empregabilidade dos profissionais, analisando o conceito de Carreira

Leia mais

Curso Life Design Vida, Finanças pessoais e Carreira

Curso Life Design Vida, Finanças pessoais e Carreira Curso Life Design Vida, Finanças pessoais e Carreira Início 26 de março - 2015 INTRODUÇÃO Desde que comecei a minha carreira profissional, há 20 anos, me pergunto: O que alguém precisa fazer para ter uma

Leia mais

Mensagem do Diretor. Oportunidades à vista. O momento é de pensar em desenvolvimento profissional planejado e sustentável

Mensagem do Diretor. Oportunidades à vista. O momento é de pensar em desenvolvimento profissional planejado e sustentável CADEIA DO PETRÓLEO Mensagem do Diretor O momento é de pensar em desenvolvimento profissional planejado e sustentável Oportunidades à vista Os tempos são desafiadores para o setor de petróleo e gás. Enquanto

Leia mais

Vida Universitária Maio 2007 Ano XVII Nº 172

Vida Universitária Maio 2007 Ano XVII Nº 172 Mercado exige velocidade na atualização profissional Trabalhadores precisam estar capacitados para solucionar problemas, ser criativos e flexíveis e gostar da sua atividade A competição pela colocação

Leia mais

O Guia do Relacionamento para o corretor moderno

O Guia do Relacionamento para o corretor moderno O Guia do Relacionamento para o corretor moderno Introdução 3 O que é marketing de relacionamento 6 Como montar uma estratégia de relacionamento 9 Crie canais de relacionamento com o cliente 16 A importância

Leia mais

Como driblar a crise. e obter sucesso no Gerenciamento de Projetos

Como driblar a crise. e obter sucesso no Gerenciamento de Projetos Como driblar a crise e obter sucesso no Gerenciamento de Projetos COMO DRIBLAR A CRISE E OBTER SUCESSO NO GERENCIAMENTO DE PROJETOS Índice Introdução 03 A crise 04 Conclusão 22 Sobre a Projectlab 24 8

Leia mais

Case: Reconheço Você

Case: Reconheço Você Case: Reconheço Você Razão Social: Wilson Sons Ramo de Atividade: Sistema Portuário e Logístico & Sistema Marítimo Ano de fundação: 1837 Nome/Titulação do responsável: Antônio Linhares, Rodrigo Sampaio

Leia mais

Dicas do que você deve fazer desde cedo para educar seu filho a ser determinado e capaz de conquistar o que ele deseja.

Dicas do que você deve fazer desde cedo para educar seu filho a ser determinado e capaz de conquistar o que ele deseja. Dicas do que você deve fazer desde cedo para educar seu filho a ser determinado e capaz de conquistar o que ele deseja. O primeiro passo para conquistar algo é acreditar que é possível. Se não, a pessoa

Leia mais

LIDERAR PESSOAS A BASE DA CONSTRUÇÃO DE UMA EQUIPE DE SUCESSO. Prof. Paulo Henrique Ribeiro paulo@topassessoria.com

LIDERAR PESSOAS A BASE DA CONSTRUÇÃO DE UMA EQUIPE DE SUCESSO. Prof. Paulo Henrique Ribeiro paulo@topassessoria.com LIDERAR PESSOAS A BASE DA CONSTRUÇÃO DE UMA EQUIPE DE SUCESSO Prof. Paulo Henrique Ribeiro paulo@topassessoria.com LI ESTAMOS PASSANDO PELA MAIOR TRANSFORMAÇÃO NA HISTÓRIA DA HUMANIDADE. VALORIZAR PESSOAS

Leia mais

PRATELEIRA? O QUE TEMOS NA EDI ÇÃO EXCLU SIVA CURSOS DE PRATELEIRA FEVEREIRO 2015 NÚMERO: 04 6PASSOS IDEAIS PARA NÃO ERRAR NA HORA DE COMPRAR

PRATELEIRA? O QUE TEMOS NA EDI ÇÃO EXCLU SIVA CURSOS DE PRATELEIRA FEVEREIRO 2015 NÚMERO: 04 6PASSOS IDEAIS PARA NÃO ERRAR NA HORA DE COMPRAR FEVEREIRO 2015 NÚMERO: 04 TREINA+ O QUE TEMOS NA PRATELEIRA? 6PASSOS IDEAIS PARA NÃO ERRAR NA HORA DE COMPRAR CURSOS DE PRATELEIRA 1 TREINA+ EDI ÇÃO EXCLU SIVA CONTEÚDO DESMITIFICANDO A PRATELEIRA DA UNIVERSIDADE

Leia mais

Orientação ao mercado de trabalho para Jovens. 1ª parte. Projeto Super Mercado de Trabalho 1ª parte Luiz Fernando Marca

Orientação ao mercado de trabalho para Jovens. 1ª parte. Projeto Super Mercado de Trabalho 1ª parte Luiz Fernando Marca Orientação ao mercado de trabalho para Jovens 1ª parte APRESENTAÇÃO Muitos dos jovens que estão perto de terminar o segundo grau estão lidando neste momento com duas questões muito importantes: a formação

Leia mais

OS TRÊS PILARES DO LUCRO EMPRESAS GRANDES

OS TRÊS PILARES DO LUCRO EMPRESAS GRANDES BOLETIM TÉCNICO MAIO/2011 OS TRÊS PILARES DO LUCRO EMPRESAS GRANDES Um empresário da indústria se assustou com os aumentos de custo e de impostos e reajustou proporcionalmente seus preços. No mês seguinte,

Leia mais

Conteúdo de qualidade com leveza e bom humor

Conteúdo de qualidade com leveza e bom humor Conteúdo de qualidade com leveza e bom humor Sólidos conteúdos com alegria - essas são algumas características das palestras de Marcelo de Elias. A maioria absoluta das avaliações obtêm excelentes resultados,

Leia mais

DICAS PARA SEU PROCESSO SELETIVO

DICAS PARA SEU PROCESSO SELETIVO DICAS PARA SEU PROCESSO SELETIVO Você tem um real interesse em mudar de emprego? O headhunter entende que quando o candidato toma a decisão de avaliar o mercado, ele está à procura de uma oportunidade

Leia mais

INOVAÇÃO NA ADVOCACIA A ESTRATÉGIA DO OCEANO AZUL NOS ESCRITÓRIOS JURÍDICOS

INOVAÇÃO NA ADVOCACIA A ESTRATÉGIA DO OCEANO AZUL NOS ESCRITÓRIOS JURÍDICOS INOVAÇÃO NA ADVOCACIA A ESTRATÉGIA DO OCEANO AZUL NOS ESCRITÓRIOS JURÍDICOS Ari Lima Um empreendimento comercial tem duas e só duas funções básicas: marketing e inovação. O resto são custos. Peter Drucker

Leia mais

LÍDER COACH Obtenha excelência em sua vida pessoal e profissional

LÍDER COACH Obtenha excelência em sua vida pessoal e profissional LÍDER COACH Obtenha excelência em sua vida pessoal e profissional Ao investir em pessoas o seu resultado é garantido! Tenha ganhos significativos em sua gestão pessoal e profissional com o treinamento

Leia mais

SOU UMA STARTUP, E AGORA? Descubra algumas respostas para o futuro da sua Startup baseado nas lições do Empreendedorismo

SOU UMA STARTUP, E AGORA? Descubra algumas respostas para o futuro da sua Startup baseado nas lições do Empreendedorismo SOU UMA STARTUP, E AGORA? Descubra algumas respostas para o futuro da sua Startup baseado nas lições do Empreendedorismo Empreendedor Empresas Micro e Pequenas Empreender Empreendedorismo Cultural Ação

Leia mais

8º Forum de Saúde e Segurança do Trabalho. FEBRABAN

8º Forum de Saúde e Segurança do Trabalho. FEBRABAN 8º Forum de Saúde e Segurança do Trabalho. FEBRABAN Cultura de Saúde e Segurança no Trabalho: da Norma para o Valor Volvo do Brasil Quais os Valores e Práticas em Saúde e Segurança do Trabalho que asseguram

Leia mais

PLANO DE CARGOS E SALÁRIOS PROJETO BARUERI

PLANO DE CARGOS E SALÁRIOS PROJETO BARUERI PLANO DE CARGOS E SALÁRIOS PROJETO BARUERI O Plano de Cargos e Salários aqui apresentado é resultado do entendimento e alinhamento dos direcionadores do Modelo de Organização e Gestão e das Políticas e

Leia mais

Guia CARREIRAS E SALÁRIOS

Guia CARREIRAS E SALÁRIOS Guia CARREIRAS E SALÁRIOS em contabilidade Guia Carreiras e Salários Se você é gestor de alguma empresa contábil, está procurando melhorar sua posição profissional ou é dono de um escritório de contabilidade:

Leia mais

O grande salto das marcas: a valorização das principais grifes nacionais

O grande salto das marcas: a valorização das principais grifes nacionais O grande salto das marcas: a valorização das principais grifes nacionais JUNIOR, M.E.F.O 1 LIMA, M.S 2 FREDERICO, V.M 3 LACERDA, T.A 4 RAMOS, C.P. 5 SANTOS, F.A.A 6 RESUMO Esse artigo abordará a crescente

Leia mais

CEO FGV Um programa para altos executivos feito por altos executivos. 2013.1

CEO FGV Um programa para altos executivos feito por altos executivos. 2013.1 CEO FGV Um programa para altos executivos feito por altos executivos. 2013.1 CEO FGV Com o CEO FGV, executivos em posições-chave em suas organizações podem: analisar em profundidade a realidade socioeconômica

Leia mais

Criando uma equipe vencedora

Criando uma equipe vencedora Criando uma equipe vencedora Como montar uma equipe vencedora? Hoje em dia, empresas de todos os tamanhos têm um objetivo em comum: fazer mais com menos. Desde a crise financeira global, alcançar novos

Leia mais

GESTÃO DE PESSOAS. Como Atrair e Reter Talentos Humanos nas Empresas

GESTÃO DE PESSOAS. Como Atrair e Reter Talentos Humanos nas Empresas FACULDADE MACHADO DE ASSIS CURSO DE ADMINISTRAÇÃO DE EMPRESAS GESTÃO DE PESSOAS Como Atrair e Reter Talentos Humanos nas Empresas Rio de Janeiro 2003 1 COMO ATRAIR E RETER TALENTOS HUMANOS NAS EMPRESAS

Leia mais

RRelevância do curso. OObjetivo do curso. FFundamentação Teórica: ATENDIMENTO E POSTURA NO AMBIENTE DE TRABALHO. Público-alvo

RRelevância do curso. OObjetivo do curso. FFundamentação Teórica: ATENDIMENTO E POSTURA NO AMBIENTE DE TRABALHO. Público-alvo Vigilantes, vigias, porteiros ou interessados em ingressar nessas funções. A empresa que presta serviços de vigilância tem a grande preocupação de manter a segurança de seu cliente, mas também de não receber

Leia mais

Faculdade Internacional de Curitiba MBA em Planejamento e Gestão Estratégica Mapas Estratégicos Prof. Adriano Stadler

Faculdade Internacional de Curitiba MBA em Planejamento e Gestão Estratégica Mapas Estratégicos Prof. Adriano Stadler Faculdade Internacional de Curitiba MBA em Planejamento e Gestão Estratégica Mapas Estratégicos Prof. Adriano Stadler AULA 5 - PERSPECTIVA DE APRENDIZADO E CRESCIMENTO Abertura da Aula Uma empresa é formada

Leia mais

Liderança e Motivação para Construtoras, Incorporadoras, Escritórios de Arquitetura e Imobiliárias

Liderança e Motivação para Construtoras, Incorporadoras, Escritórios de Arquitetura e Imobiliárias Liderança e Motivação para Construtoras, Incorporadoras, Escritórios de Arquitetura e Imobiliárias Antes de tudo como sugestão aos donos de construtoras, incorporadoras, imobiliárias e escritórios de arquitetura

Leia mais

SESSÃO 2: Explorando Profissões

SESSÃO 2: Explorando Profissões SESSÃO 2: Explorando Profissões CURRÍCULO DE PROGRAMA Muitas meninas adolescentes (e adultos também) dizem que não tem ideia do que querem fazer com o resto de suas vidas. Embora que algumas meninas sonham

Leia mais

Experiência: O novo olhar sobre a gestão de pessoas do setor público, na nova idade da democracia no Brasil.

Experiência: O novo olhar sobre a gestão de pessoas do setor público, na nova idade da democracia no Brasil. Experiência: O novo olhar sobre a gestão de pessoas do setor público, na nova idade da democracia no Brasil. RADIOBRÁS Empresa Brasileira de Comunicação S. A. Diretoria de Gestão de Pessoas e Administração

Leia mais

O QUE É PRECISO PARA SER UM GRANDE LÍDER

O QUE É PRECISO PARA SER UM GRANDE LÍDER LIDERANÇA O QUE É PRECISO PARA SER UM GRANDE LÍDER Roselinde Torres foco na pessoa 6 Por Roselinde Torres O que é preciso para ser um grande líder hoje? Muitos de nós temos a imagem de um líder como um

Leia mais

Liderança e Gestão Pedagógica: foco nos resultados da aprendizagem dos alunos

Liderança e Gestão Pedagógica: foco nos resultados da aprendizagem dos alunos Liderança e Gestão Pedagógica: foco nos resultados da aprendizagem dos alunos Encontro de Lideranças do PIP - Municipal Belo Horizonte, 05 e 06 de setembro de 2013 Implementação dos CBC Secretaria de Estado

Leia mais

A Importância da Comunicação para a Efetiva Execução da Estratégia. Prof. Maria A. M. Amiden Robinson

A Importância da Comunicação para a Efetiva Execução da Estratégia. Prof. Maria A. M. Amiden Robinson A Importância da Comunicação para a Efetiva Execução da Estratégia Prof. Maria A. M. Amiden Robinson Belo Horizonte, 28 de agosto de 2012 Um pouco sobre mim... Economista pela Unicamp...... com pós graduação

Leia mais

#7 GESTÃO DE PESSOAS

#7 GESTÃO DE PESSOAS #7 GESTÃO DE PESSOAS ÍNDICE 1. Apresentação 2. Definição de Gestão de Pessoas 3. Gestão de Pessoas e o Modelo de Excelência da Gestão (MEG) 4. Itens do Critério Pessoas 4.1. Sistema de trabalho 4.2. Capacitação

Leia mais

A organização investe fortemente na capacitação de pessoas e na formação de profissionais capazes de atender aos desafios do crescimento acelerado

A organização investe fortemente na capacitação de pessoas e na formação de profissionais capazes de atender aos desafios do crescimento acelerado RELATÓRIO ANUAL GERDAU 27 65 COLABORADORES A organização investe fortemente na capacitação de pessoas e na formação de profissionais capazes de atender aos desafios do crescimento acelerado Ed Carlos Alves

Leia mais

Nível Médio Prova 1: Compreensão leitora e língua em uso

Nível Médio Prova 1: Compreensão leitora e língua em uso TEXTO 1 Leia o texto abaixo e nas alternativas de múltipla escolha, assinale a opção correta. INTERCÂMBIO BOA VIAGEM 1 01 02 03 04 05 06 07 08 09 10 11 12 13 14 15 16 17 18 Cursos de intercâmbio são uma

Leia mais

PASSADO, PRESENTE E FUTURO DAS DIVISÕES DE BASE NO FUTEBOL DO BRASIL

PASSADO, PRESENTE E FUTURO DAS DIVISÕES DE BASE NO FUTEBOL DO BRASIL PASSADO, PRESENTE E FUTURO DAS DIVISÕES DE BASE NO FUTEBOL DO BRASIL Tenho lido e ouvido muitos comentários nos últimos dias sobre o trabalho de formação no Brasil. Algumas pessoas, alguns profissionais

Leia mais

Primeiro Email#1: Rota Problema Solução

Primeiro Email#1: Rota Problema Solução Esta segunda sequência respeita a estrutura da sequência do Eben que analisamos.o template é adequado aos profissionais que podem (e querem) trabalhar com os três mosqueteiros, ou seja, apresentar uma

Leia mais

Administração de Recursos Humanos

Administração de Recursos Humanos Administração de Recursos Humanos Profª Ma. Máris de Cássia Ribeiro Vendrame O que é a Administração de Recursos Humanos? Refere-se às práticas e às políticas necessárias para conduzir os aspectos relacionados

Leia mais

Grasiela - Bom à gente pode começar a nossa conversa, você contando para a gente como funciona o sistema de saúde na Inglaterra?

Grasiela - Bom à gente pode começar a nossa conversa, você contando para a gente como funciona o sistema de saúde na Inglaterra? Rádio Web Saúde dos estudantes de Saúde Coletiva da UnB em parceria com Rádio Web Saúde da UFRGS em entrevista com: Sarah Donetto pesquisadora Inglesa falando sobre o NHS - National Health Service, Sistema

Leia mais

RECRUTAMENTO EFICIENTE EM 6 ATOS

RECRUTAMENTO EFICIENTE EM 6 ATOS RECRUTAMENTO EFICIENTE EM 6 ATOS Avenida Paulista, 2.300 - Piso Pilotis São Paulo, SP 01310-300 www.agile-1.com.br Índice RECRUTAMENTO EFICIENTE EM 6 ATOS... 4 OS 6 ATOS... 5 #1: DESCRIÇÃO DA VAGA ABERTA...

Leia mais

O guia do profissional de Recursos Humanos. Como melhorar o desenvolvimento da equipe

O guia do profissional de Recursos Humanos. Como melhorar o desenvolvimento da equipe O guia do profissional de Recursos Humanos Como melhorar o desenvolvimento da equipe 1 Introdução 03 Conhecendo as dores do seu time 05 Investir nos colaboradores! 08 Estabelecendo metas 11 A meditação

Leia mais

REGULAMENTO. Ao ler e concordar com os termos deste Regulamento, o candidato se compromete a:

REGULAMENTO. Ao ler e concordar com os termos deste Regulamento, o candidato se compromete a: Juntos pela Excelência REGULAMENTO Este instrumento tem por objetivo regulamentar o processo de seleção e desenvolvimento de Trainees Técnicos do Laboratório Leme, de acordo com os termos e condições adiante

Leia mais

Desenvolvendo líderes e transformando empresas para um mundo melhor

Desenvolvendo líderes e transformando empresas para um mundo melhor Desenvolvendo líderes e transformando empresas para um mundo melhor Quem Somos A Caput Consultoria chega aos seus quinze anos com muito a comemorar! Temos desenvolvido projetos relevantes em companhias

Leia mais

NOSSO OBJETIVO. GESTÃO DO DESEMPENHO: uma possibilidade de ampliar o negócio da Organização

NOSSO OBJETIVO. GESTÃO DO DESEMPENHO: uma possibilidade de ampliar o negócio da Organização NOSSO OBJETIVO GESTÃO DO DESEMPENHO: uma possibilidade de ampliar o negócio da Organização RHUMO CONSULTORIA EMPRESARIAL Oferecer soluções viáveis em tempo hábil e com qualidade. Essa é a receita que a

Leia mais

Apoio. Patrocínio Institucional

Apoio. Patrocínio Institucional Patrocínio Institucional Parceria Apoio InfoReggae - Edição 83 Papo Reto com José Junior 12 de junho de 2015 O Grupo AfroReggae é uma organização que luta pela transformação social e, através da cultura

Leia mais

Competitividade e Resultados: conseqüência do alinhamento de estratégia, cultura e competências.

Competitividade e Resultados: conseqüência do alinhamento de estratégia, cultura e competências. 1 Programa Liderar O Grupo Solvi é um conglomerado de 30 empresas que atua nas áreas de saneamento, valorização energética e resíduos. Como alicerce primordial de seu crescimento encontrase o desenvolvimento

Leia mais

A Faculdade Certificada pela FGV em Goiás. Acordo de Parceria - Convênios 2011. AFFEGO Associação Funcionários do Fisco de Goiás

A Faculdade Certificada pela FGV em Goiás. Acordo de Parceria - Convênios 2011. AFFEGO Associação Funcionários do Fisco de Goiás A Faculdade Certificada pela FGV em Goiás Acordo de Parceria - Convênios 2011 AFFEGO Associação Funcionários do Fisco de Goiás ACORDO DE PARCERIA - CONVÊNIOS 2011 Preparada Por: Empreza Educação e Serviços

Leia mais

O futuro do YouTube - VEJA.com

O futuro do YouTube - VEJA.com Entrevista O futuro do YouTube 29/08/2009 10:49 Por Leo Branco Nesta semana, Chad Hurley, de 32 anos, um dos criadores do YouTube, esteve no Brasil e falou a VEJA sobre o futuro do maior site de vídeos

Leia mais

A conquista do sucesso depende do bom atendimento!

A conquista do sucesso depende do bom atendimento! Um excelente atendimento faz toda a diferença numa empresa porque é um dos fatores fundamentais para se destacar em qualquer tipo de negocio. Por isto os profissionais de Atendimento e de Vendas precisam

Leia mais

MANUAL DE RETENÇÃO BARRED S

MANUAL DE RETENÇÃO BARRED S MANUAL DE RETENÇÃO BARRED S A contratação contínua de talentos não pode ser isolada da estratégia geral da empresa, pois o correto recrutamento irá agregar pessoas mais valiosas, trazendo mais resultados.

Leia mais

Pessoas e Negócios em Evolução

Pessoas e Negócios em Evolução Empresa: Atuamos desde 2001 nos diversos segmentos de Gestão de Pessoas, desenvolvendo serviços diferenciados para empresas privadas, associações e cooperativas. Prestamos serviços em mais de 40 cidades

Leia mais

Administração e Gestão de Pessoas

Administração e Gestão de Pessoas Administração e Gestão de Pessoas Aula Gestão de Pessoas Prof.ª Marcia Aires www.marcia aires.com.br mrbaires@gmail.com Percepção x trabalho em equipe GESTÃO DE PESSOAS A Gestão de Pessoas é responsável

Leia mais

OS PRINCÍPIOS DA ESSILOR

OS PRINCÍPIOS DA ESSILOR OS PRINCÍPIOS DA ESSILOR Cada um de nós, na vida profissional, divide com a Essilor a sua responsabilidade e a sua reputação. Portanto, devemos conhecer e respeitar os princípios que se aplicam a todos.

Leia mais

Atendimento pós-venda: gestão estratégica da ex...

Atendimento pós-venda: gestão estratégica da ex... Atendimento pós-venda: gestão estratégica da ex... (/artigos /carreira/comopermanecercalmosob-pressao /89522/) Carreira Como permanecer calmo sob pressão (/artigos/carreira/como-permanecer-calmosob-pressao/89522/)

Leia mais

saúde! cartões de cara nova

saúde! cartões de cara nova saúde! Jornal trimestral da ArcelorMittal Abeb Promoção da Saúde nº 33 jan-fev-mar 2011 cartões de cara nova A partir de abril, a ArcelorMittal Abeb começa a distribuir seus novos cartões, que agora são

Leia mais

GRADUAÇÃO FGV EM SÃO PAULO. Administração de Empresas. fgv.br/vestibular

GRADUAÇÃO FGV EM SÃO PAULO. Administração de Empresas. fgv.br/vestibular GRADUAÇÃO FGV EM SÃO PAULO Administração de Empresas fgv.br/vestibular Idealismo, Excelência e Credibilidade A Fundação Getulio Vargas surgiu em 20 de dezembro de 1944, com o objetivo de preparar profissionais

Leia mais

Região. Mais um exemplo de determinação

Região. Mais um exemplo de determinação O site Psicologia Nova publica a entrevista com Úrsula Gomes, aprovada em primeiro lugar no concurso do TRT 8 0 Região. Mais um exemplo de determinação nos estudos e muita disciplina. Esse é apenas o começo

Leia mais

Rentabilidade em Food Service

Rentabilidade em Food Service Rentabilidade 6 passos para tornar sua franquia mais lucrativa Seja bem-vindo ao e-book da Linx. Aqui estão reunidos os principais caminhos para o aumento da rentabilidade em operações de fast food. São

Leia mais

Líder em consultoria no agronegócio

Líder em consultoria no agronegócio MPRADO COOPERATIVAS mprado.com.br COOPERATIVAS 15 ANOS 70 Consultores 25 Estados 300 cidade s 500 clientes Líder em consultoria no agronegócio 1. Comercial e Marketing 1.1 Neurovendas Objetivo: Entender

Leia mais

Relatório e Proposta de Programa para Grupos Corporativos: Atividade Física na Promoção da Saúde e Qualidade de Vida

Relatório e Proposta de Programa para Grupos Corporativos: Atividade Física na Promoção da Saúde e Qualidade de Vida 27 Relatório e Proposta de Programa para Grupos Corporativos: Atividade Física na Promoção da Saúde e Qualidade de Vida Simone Simões de Almeida Sganzerla Graduada em Educação Física Especialista em Gestão

Leia mais

Mapeamento do Perfil Saúde em Instituição Pública - Fundação Centro de Atendimento Sócio Educativo ao Adolescente

Mapeamento do Perfil Saúde em Instituição Pública - Fundação Centro de Atendimento Sócio Educativo ao Adolescente 16 Mapeamento do Perfil Saúde em Instituição Pública - Fundação Centro de Atendimento Sócio Educativo ao Adolescente Leidiane Silva Oliveira Chagas Gestora de Recursos Humanos - Anhanguera Educacional

Leia mais

www.estagioresponsavel.org.br Cartilha Melhores Práticas de Estágio 2008

www.estagioresponsavel.org.br Cartilha Melhores Práticas de Estágio 2008 www.estagioresponsavel.org.br Cartilha Melhores Práticas de Estágio 2008 2009 IEL/SC Núcleo Regional Proibida a reprodução total ou parcial desta obra sem a permissão expressa do IEL/SC. Sistema Federação

Leia mais

High Potentials, Talentos e Sucessão no Brasil

High Potentials, Talentos e Sucessão no Brasil High Potentials, Talentos e Sucessão no Brasil P e s q u i s a d a F u n d a ç ã o G e t u l i o V a r g a s I n s t i t u t o d e D e s e n v o l v i m e n t o E d u c a c i o n a l Conteúdo 1. Propósito

Leia mais

Dia de Campo COOPRATA. 15 anos entregando soluções empresariais que constroem resultados.

Dia de Campo COOPRATA. 15 anos entregando soluções empresariais que constroem resultados. Dia de Campo COOPRATA 15 anos entregando soluções empresariais que constroem resultados. Gestão de Pessoas e o Mercado de trabalho Como está o mercado de trabalho para contratação de pessoas? Segundo a

Leia mais

Apostamos em quem acredita, confiamos em quem arrisca, e somos muito apaixonados por quem empreende. Por isso, criamos o B.I. Empreendedores!

Apostamos em quem acredita, confiamos em quem arrisca, e somos muito apaixonados por quem empreende. Por isso, criamos o B.I. Empreendedores! Empreendedores Apostamos em quem acredita, confiamos em quem arrisca, e somos muito apaixonados por quem empreende. Por isso, criamos o B.I. Empreendedores! Por meio de um método de aprendizagem único,

Leia mais

Gestão e Marketing Esportivo. Prof. José Carlos Brunoro

Gestão e Marketing Esportivo. Prof. José Carlos Brunoro Gestão e Marketing Esportivo Prof. José Carlos Brunoro O Sucesso depende de 3 pontos importantes 1. CONHECIMENTO 2. LIDERANÇA 3. CONDUTA PESSOAL 1 CONHECIMENTO Estudo Constante Aprender com todos Idioma

Leia mais

Palestrante Paulo Gerhardt Inspira, Motiva e Sensibiliza para Resultados Superiores

Palestrante Paulo Gerhardt Inspira, Motiva e Sensibiliza para Resultados Superiores Palestrante Paulo Gerhardt Inspira, Motiva e Sensibiliza para Resultados Superiores Com uma abordagem inovadora e lúdica, o professor Paulo Gerhardt tem conquistado plateias em todo o Brasil. Seu profundo

Leia mais