Auto-avaliação 1.º Semestre Ano Lectivo 2010/2011

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Auto-avaliação 1.º Semestre Ano Lectivo 2010/2011"

Transcrição

1 O presente relatório é o resultado do processo de auto-avaliação realizado no 1.º semestre do ano lectivo 2010/2011. Os dados foram obtidos através das respostas dos alunos aos questionários de auto-avaliação, os quais pretenderam avaliar os cursos, as unidades curriculares e os docentes.

2 PUBLICIDADE E MARKETING A análise comparativa dos anos de 2009 e 2010 do curso de Publicidade e Marketing mostra que o curso apresenta características positivas com valores acima da média, sendo de sublinhar Qualidade Geral do curso, a, a Preparação Cientifica manifestada pelos professores, a e a assiduidade e pontualidade dos professores.

3 RELAÇÕES PÚBLICAS E COMUNICAÇÃO EMPRESARIAL 4,2 A comparação entre os anos de 2009 e 2010 do curso de Relações Públicas e Comunicação Empresarial mostra que o curso apresenta características positivas com valores acima da média. De salientar a qualidade geral do curso, a relação com os alunos, a disponibilidade e apoio dos professores fora das aulas e preparação cientifica manifestada por estes, bem como a explicitação das regras de avaliação.

4 JORNALISMO A comparação entre os anos de 2009 e 2010 do curso de Jornalismo mostra que o curso apresenta características positivas com valores acima da média. De salientar a preparação cientifica manifestada dos professores, bem como a explicitação das regras de avaliação das disciplinas.

5 AUDIOVISUAL E MULTIMÉDIA A comparação entre os anos de 2009 e 2010 do curso de Audiovisual e Multimédia mostra que o curso apresenta características positivas com valores acima da média. De salientar a preparação cientifica manifestada pelos professores, a explicitação das regras de avaliação, bem como a assiduidade e pontualidade dos docentes.

6 Unidades Curriculares Coordenação entre a componente teórica, prática e laboratorial Qualidade e interesse da matéria leccionada Ligação com outras unidades curriculares deste curso Dimensão da turma para esta UC Carga horária presencial da UC 3,5 3,5 3,5 A avaliação geral das unidades curriculares é bastante positiva, sendo de destacar a qualidade e o interesse das matérias leccionadas, a dimensão das turmas e uma carga horária adequada.

7 Docentes 2009 A avaliação geral dos docentes encontra-se com valores positivos acima da média. De destacar a preparação cientifica manifestada por estes, bem como a clara explicitação das regras de avaliação, a capacidade de relacionar a disciplina com os objetivos do curso, a sua assiduidade e pontualidade aliado ao seu grau de exigência.

Ano Lectivo 2010/2011. Perfis Médios por Curso Escola Superior de Tecnologia de Abrantes

Ano Lectivo 2010/2011. Perfis Médios por Curso Escola Superior de Tecnologia de Abrantes Ano Lectivo 2010/2011 Perfis Médios por Curso Escola Superior de Tecnologia de Abrantes Julho de 2011 Índice Licenciatura em Comunicação Social... 2 Licenciatura em Engenharia Mecânica... 3 Licenciatura

Leia mais

INFRAESTRUTURA FÍSICA E ACADÊMICA

INFRAESTRUTURA FÍSICA E ACADÊMICA INFRAESTRUTURA FÍSICA E ACADÊMICA Percentual 1) Como sua instituição viabiliza o acesso dos estudantes de graduação à Internet para atender às necessidades do curso? 60 50 48,65 47,64 40 30 20 10 0 3,37

Leia mais

AUTO-AVALIAÇÃO DO CURSO DE CIÊNCIAS ECONÔMICAS 2014

AUTO-AVALIAÇÃO DO CURSO DE CIÊNCIAS ECONÔMICAS 2014 AUTO-AVALIAÇÃO DO CURSO DE CIÊNCIAS ECONÔMICAS 2014 Instrumento para avaliação do curso de graduação em Ciências Econômicas por parte dos docentes que nele ministraram alguma disciplina durante o ano letivo

Leia mais

Relatório dos Resultados do Inquérito aos Alunos do ISEL (análise global) 1º semestre do ano letivo 2011/2012

Relatório dos Resultados do Inquérito aos Alunos do ISEL (análise global) 1º semestre do ano letivo 2011/2012 ISEL Relatório dos Resultados do Inquérito aos Alunos do ISEL (análise global) 1º semestre do ano letivo 11/1 Instituto Superior de Engenharia de Lisboa Gabinete de Avaliação e Qualidade Lisboa, 1 de setembro

Leia mais

Escola Superior de Educação João de Deus. Relatório de Avaliação às Unidades Curriculares 1.º semestre /2016

Escola Superior de Educação João de Deus. Relatório de Avaliação às Unidades Curriculares 1.º semestre /2016 Licenciatura em EDUCAÇÃO BÁSICA às Unidades Curriculares 1.º semestre - 2015/2016 1. Introdução A avaliação está intimamente ligada ao processo de qualidade, de desenvolvimento e de aperfeiçoamento organizacional.

Leia mais

Instituto Superior Politécnico de Viseu - Escola Superior de Tecnologia Ano Lectivo 2001/2002 - Curso de Gestão de Empresas - Matemática Financeira

Instituto Superior Politécnico de Viseu - Escola Superior de Tecnologia Ano Lectivo 2001/2002 - Curso de Gestão de Empresas - Matemática Financeira ISPV - ESTV GESTÃO DE EMPRESAS - MATEMÁTICA FINANCEIRA / Instituto Superior Politécnico de Viseu - Escola Superior de Tecnologia Ano Lectivo / - Curso de Gestão de Empresas - Matemática Financeira A. Auto-avaliação:.

Leia mais

AVALIAÇÃO DO CURSO DE COMUNICAÇÃO ORGANIZACIONAL

AVALIAÇÃO DO CURSO DE COMUNICAÇÃO ORGANIZACIONAL AVALIAÇÃO DO CURSO DE COMUNICAÇÃO ORGANIZACIONAL Outubro 2009 ÍNDICE 1. Introdução 3 2. População e Amostra 3 3. Apresentação de Resultados 4 3.1. Opinião dos alunos de Comunicação Organizacional sobre

Leia mais

Questionário aos Professores. Apresentação dos dados. Equipa de autoavaliação

Questionário aos Professores. Apresentação dos dados. Equipa de autoavaliação Questionário aos Professores Apresentação dos dados Equipa de autoavaliação Inquérito dos Professores Informação de enquadramento: Responderam ao inquérito 47 professores com idades compreendidas entre

Leia mais

RELATÓRIO DO SECRETARIADO DE EXAMES

RELATÓRIO DO SECRETARIADO DE EXAMES RELATÓRIO DO SECRETARIADO DE EXAMES 2013/2014 Índice Nota Introdutória... 3 Reflexão... 4 Anexo I - Estatística 6 Página 2 de 9 NOTA INTRODUTÓRIA As provas finais nacionais do ensino básico têm uma função

Leia mais

RELATÓRIO ANUAL DE CURSO 2015/16 (CTeSP de Tecnologias e Programação de Sistemas de Informação) Escola Superior de Tecnologia e Gestão

RELATÓRIO ANUAL DE CURSO 2015/16 (CTeSP de Tecnologias e Programação de Sistemas de Informação) Escola Superior de Tecnologia e Gestão Relatório Anual de Curso (Público) RELATÓRIO ANUAL DE CURSO 2015/16 (CTeSP de Tecnologias e Programação de Sistemas de Informação) Escola Superior de Tecnologia e Gestão Índice 1. Estudantes e ambiente

Leia mais

PROPOSTA DE ALTERAÇÃO DO MÉTODO DE AVALIAÇÃO

PROPOSTA DE ALTERAÇÃO DO MÉTODO DE AVALIAÇÃO PROPOSTA DE ALTERAÇÃO DO MÉTODO DE AVALIAÇÃO Ano lectivo 2013/2014 Núcleo de Estudantes de Informática Departamento de Engenharia Informática 1. ALTERAÇÃO DOS MÍNIMOS O Regulamento Pedagógico da Universidade

Leia mais

AVALIAÇÃO INSTITUCIONAL Relatório Geral das Disciplinas

AVALIAÇÃO INSTITUCIONAL Relatório Geral das Disciplinas AVALIAÇÃO INSTITUCIONAL Relatório Geral das Disciplinas FIPEL 1 semestre 2010 Comissão Própria de Avaliação - CPA 1 Coordenação de Avaliação Institucional - COGEAV Equipe Técnica / Elaboração do Relatório

Leia mais

AVALIAÇÃO DAS DISCIPLINAS DO CURSO DE TECNÓLOGO EM GESTÃO DA QUALIDADE 2011/1

AVALIAÇÃO DAS DISCIPLINAS DO CURSO DE TECNÓLOGO EM GESTÃO DA QUALIDADE 2011/1 AVALIAÇÃO DAS DISCIPLINAS DO CURSO DE TECNÓLOGO EM GESTÃO DA QUALIDADE 2011/1 I - ORGANIZAÇÃO DA DISCIPLINA AVALIAÇÃO ORGANIZAÇÃO DA DISCIPLINA Relação conteúdo com a formação profissional Relação conteúdo

Leia mais

UNIVERSIDADE LUSÍADA DE LISBOA. Programa da Unidade Curricular Empreendedorismo Social e Empregabilidade Ano Lectivo 2011/2012

UNIVERSIDADE LUSÍADA DE LISBOA. Programa da Unidade Curricular Empreendedorismo Social e Empregabilidade Ano Lectivo 2011/2012 Programa da Unidade Curricular Empreendedorismo Social e Empregabilidade Ano Lectivo 2011/2012 1. Unidade Orgânica Serviço Social (1º Ciclo) 2. Curso Serviço Social 3. Ciclo de Estudos 1º 4. Unidade Curricular

Leia mais

SOCIEDADE CAMPINEIRA DE EDUCAÇÃO E INSTRUÇÃO PONTIFÍCIA UNIVERSIDADE CATÓLICA DE CAMPINAS Média de Qualidade de cada Aspecto por ano/semestre

SOCIEDADE CAMPINEIRA DE EDUCAÇÃO E INSTRUÇÃO PONTIFÍCIA UNIVERSIDADE CATÓLICA DE CAMPINAS Média de Qualidade de cada Aspecto por ano/semestre 1º Semestre de 2007 03/08/16 17:03 Pagina 1 de19 2º Semestre de 2007 03/08/16 17:03 Pagina 2 de19 1º Semestre de 2008 03/08/16 17:03 Pagina 3 de19 2º Semestre de 2008 03/08/16 17:03 Pagina 4 de19 1º Semestre

Leia mais

RELATÓRIO DE CONCRETIZAÇÃO DO PROCESSO DE BOLONHA

RELATÓRIO DE CONCRETIZAÇÃO DO PROCESSO DE BOLONHA RELATÓRIO DE CONCRETIZAÇÃO DO PROCESSO DE BOLONHA Ano lectivo 2008/2009 DEPARTAMENTO Instituto Superior de Contabilidade e Administração CURSO Marketing - 1º ciclo 1. INTRODUÇÃO Este relatório respeita

Leia mais

Educação Física - 10º/11º/12º anos

Educação Física - 10º/11º/12º anos CRITÉRIOS DE AVALIAÇÃO 2014/2015 Educação Física - 10º/11º/12º anos CONSIDERAÇÕES GERAIS A avaliação na disciplina de Educação Física centra-se nas três áreas de desenvolvimento das aprendizagens, definidas

Leia mais

PLANIFICAÇÃO MODULAR ANO LECTIVO 2016 / 2017

PLANIFICAÇÃO MODULAR ANO LECTIVO 2016 / 2017 PLANIFICAÇÃO MODULAR ANO LECTIVO 2016 / 2017 CURSO/CICLO DE FORMAÇÃO DISCIPLINA: Docente Técnico de Turismo Ambiental e Rural Turismo e Técnicas de Gestão António José Borralho Ramalho N.º TOTAL DE MÓDULOS

Leia mais

ISPV - ESTV CONTABILIDADE E ADMINISTRAÇÃO - MATEMÁTICA FINANCEIRA 1999/2000

ISPV - ESTV CONTABILIDADE E ADMINISTRAÇÃO - MATEMÁTICA FINANCEIRA 1999/2000 ISPV - ESTV CONTABILIDADE E ADMINISTRAÇÃO - MATEMÁTICA FINANCEIRA 1/2 Instituto Superior Politécnico de Viseu - Escola Superior de Tecnologia Ano Lectivo 1/2 - Curso de Contabilidade e Administração -

Leia mais

RELATÓRIO GERENCIAL AVALIAÇÃO DE DESEMPENHO DOCENTE, CURSO E COORDENADOR DE CURSO GRADUAÇÃO PRESENCIAL

RELATÓRIO GERENCIAL AVALIAÇÃO DE DESEMPENHO DOCENTE, CURSO E COORDENADOR DE CURSO GRADUAÇÃO PRESENCIAL RELATÓRIO GERENCIAL AVALIAÇÃO DE DESEMPENHO DOCENTE, CURSO E COORDENADOR DE CURSO GRADUAÇÃO PRESENCIAL 1º SEMESTRE 2015 CENTRO UNIVERSITÁRIO INTERNACIONAL UNINTER COMISSÃO PRÓPRIA DE AVALIAÇÃO CPA RELATÓRIO

Leia mais

Administração Central Unidade de Ensino Médio e Técnico CETEC. Ensino Técnico. Habilitação Profissional: Nível Médio de Técnico em Administração

Administração Central Unidade de Ensino Médio e Técnico CETEC. Ensino Técnico. Habilitação Profissional: Nível Médio de Técnico em Administração Plano de Trabalho Docente 2013 Ensino Técnico ETEC PAULINO BOTELHO Código: 091 Município: São Carlos Eixo Tecnológico: Gestão e Negócios Habilitação Profissional: Nível Médio de Técnico em Administração

Leia mais

Instituto Superior Politécnico de Viseu - Escola Superior de Tecnologia Ano Lectivo 2003/2004 - Gestão de Empresas - Matemática Financeira

Instituto Superior Politécnico de Viseu - Escola Superior de Tecnologia Ano Lectivo 2003/2004 - Gestão de Empresas - Matemática Financeira Curso de GESTÃO DE EMPRESAS MATEMÁTICA FINANCEIRA ISPV/ESTV - 2/2 Instituto Superior Politécnico de Viseu - Escola Superior de Tecnologia Ano Lectivo 2/2 - Gestão de Empresas - Matemática Financeira Nº

Leia mais

CEUDISEG. Direção de Segurança. Regulamento

CEUDISEG. Direção de Segurança. Regulamento CEUDISEG Direção de Segurança Curso de Extensão Universitária Regulamento Artigo 1.º Criação 1. É criado, na Faculdade de Direito da Universidade Nova de Lisboa (FDUNL), através do CEDIS Centro de Investigação

Leia mais

Instituto Superior Politécnico de Viseu - Escola Superior de Tecnologia Ano Lectivo 2000/2001 - Curso de Gestão de Empresas - Matemática Financeira

Instituto Superior Politécnico de Viseu - Escola Superior de Tecnologia Ano Lectivo 2000/2001 - Curso de Gestão de Empresas - Matemática Financeira ISPV - ESTV GESTÃO DE EMPRESAS - MATEMÁTICA FINANCEIRA Instituto Superior Politécnico de Viseu - Escola Superior de Tecnologia 00/01 Ano Lectivo 00/01 - Curso de Gestão de Empresas - Matemática Financeira

Leia mais

Nº de respostas 78 A. Auto-avaliação: 1. Mau 2. Razoáve 3. Bom 4. Muito Bom Não respond.

Nº de respostas 78 A. Auto-avaliação: 1. Mau 2. Razoáve 3. Bom 4. Muito Bom Não respond. Curso de GESTÃO DE EMPRESAS MATEMÁTICA FINANCEIRA ISPV/ESTV - / Instituto Superior Politécnico de Viseu - Escola Superior de Tecnologia Ano Lectivo / - Gestão de Empresas - Matemática Financeira Nº de

Leia mais

Curso de Formação. Metas Curriculares de Português 1.º Ciclo (Turma Telões) (Data de início: 06/11/ Data de fim: 20/11/2014)

Curso de Formação. Metas Curriculares de Português 1.º Ciclo (Turma Telões) (Data de início: 06/11/ Data de fim: 20/11/2014) Curso de Formação Metas Curriculares de Português 1.º Ciclo (Turma Telões) (Data de início: 06/11/2014 - Data de fim: 20/11/2014) I - Autoavaliação (formandos) A- Motivação para a Frequência da Ação 1-

Leia mais

Minuta de Normas de Estágio DCOS

Minuta de Normas de Estágio DCOS Minuta de Normas de Estágio DCOS O Colegiado do Curso de Comunicação Social, no uso de suas atribuições, Considerando a vigência da Lei11.788, de 25/09/2008, que dispõe sobre o estágio de estudantes; Considerando

Leia mais

Análise por Curso EFA IV Técnico de Acção Educativa 1082

Análise por Curso EFA IV Técnico de Acção Educativa 1082 Análise por Curso EFA IV Técnico de Acção Educativa 1082 Análise por Curso EFA IV Técnico de Acção Educativa 1083 Componente de Formação SC T SP Disciplinas Escolas Venda Nova Cultura, Língua e Comunicação

Leia mais

Dados sobre curso e Autoavaliação Discente

Dados sobre curso e Autoavaliação Discente Dados sobre curso e Autoavaliação Discente. Legenda utilizada: AR- Arquitetura EP- Engenharia de Produção GA- Gestão Ambiental RH- Recursos Humanos GH- Gestão Hospitalar RD- Radiologia SS- Serviço Social

Leia mais

ANÁLISE DOS RESULTADOS DA AVALIAÇÃO DOCENTE INSTITUCIONAL

ANÁLISE DOS RESULTADOS DA AVALIAÇÃO DOCENTE INSTITUCIONAL AVALIAÇÃO INSTITUCIONAL ELETRÔNICA 2015 NOTA EXPLICATIVA: I A metodologia de análise dos dados relativos à Avaliação Institucional Eletrônica /2015 considerou: a) os dados gerais da instituição, visando

Leia mais

EDUCAÇÃO A DISTÂNCIA E E-LEARNING NA UNIVERSIDADE ABERTA

EDUCAÇÃO A DISTÂNCIA E E-LEARNING NA UNIVERSIDADE ABERTA EDUCAÇÃO A DISTÂNCIA E E-LEARNING NA UNIVERSIDADE ABERTA António Quintas-Mendes - Laboratório de Educação a Distância e E-Learning 9ETIC EXPERIÊNCIAS NO REINO UNIDO E NA PENÍNSULA IBÉRICA 27 de Outubro

Leia mais

RELATÓRIO DE CONCRETIZAÇÃO DO PROCESSO DE BOLONHA

RELATÓRIO DE CONCRETIZAÇÃO DO PROCESSO DE BOLONHA RELATÓRIO DE CONCRETIZAÇÃO DO PROCESSO DE BOLONHA Ano lectivo 2008/2009 DEPARTAMENTO Instituto Superior de Contabilidade e Administração CURSO Contabilidade - 1º ciclo 1. INTRODUÇÃO A recolha de informação

Leia mais

TECNOLOGIA GESTÃO DA PRODUÇÃO INDUSTRIAL 1º SEMESTRE/ 2014 DIURNO

TECNOLOGIA GESTÃO DA PRODUÇÃO INDUSTRIAL 1º SEMESTRE/ 2014 DIURNO TECNOLOGIA GESTÃO DA PRODUÇÃO INDUSTRIAL 1º SEMESTRE/ 2014 DIURNO Turma: - TGPM121A + TGPM122A CENTRO Processos Custos Processos Custos Tecnologia Industrial 1º SEMESTRE/ 2014 NOTURNO Turma: - TGP121B

Leia mais

AVALIAÇÃO INSTITUCIONAL DA UNIVERSIDADE DO ESTADO DE SANTA CATARINA

AVALIAÇÃO INSTITUCIONAL DA UNIVERSIDADE DO ESTADO DE SANTA CATARINA COORDENADORIA DE AVALIAÇÃO INSTITUCIONAL COAI COMISSÃO PRÓPRIA DE AVALIAÇÃO CPA AVALIAÇÃO INSTITUCIONAL DA UNIVERSIDADE DO ESTADO DE SANTA CATARINA PARTE I O DOCENTE AVALIA AS AÇÕES DO CURSO Prezado(a)

Leia mais

ANÁLISE DOS RESULTADOS DA AVALIAÇÃO DOCENTE INSTITUCIONAL

ANÁLISE DOS RESULTADOS DA AVALIAÇÃO DOCENTE INSTITUCIONAL AVALIAÇÃO INSTITUCIONAL ELETRÔNICA 2015 NOTA EXPLICATIVA: I A metodologia de análise dos dados relativos à Avaliação Institucional Eletrônica /2015 considerou: a) os dados gerais da instituição, visando

Leia mais

UNIVERSIDADE LUSÍADA DE LISBOA. Programa da Unidade Curricular ÉTICA Ano Lectivo 2016/2017

UNIVERSIDADE LUSÍADA DE LISBOA. Programa da Unidade Curricular ÉTICA Ano Lectivo 2016/2017 Programa da Unidade Curricular ÉTICA Ano Lectivo 2016/2017 1. Unidade Orgânica Ciências da Economia e da Empresa (1º Ciclo) 2. Curso Engenharia Informática 3. Ciclo de Estudos 1º 4. Unidade Curricular

Leia mais

1) Quanto ao Curso (currículo, disciplinas e recursos):

1) Quanto ao Curso (currículo, disciplinas e recursos): UNIVERSIDADE FEDERAL DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO CENTRO DE CIÊNCIAS BIOLÓGICAS E DA SAÚDE INSTITUTO DE BIOCIÊNCIAS QUESTIONÁRIO COMPLEMENTAR PARA AVALIAÇÃO DE UNIDADE DA UNIRIO Este questionário é uma

Leia mais

Ficha de Unidade Curricular (FUC) de Gestão dos Recursos Humanos

Ficha de Unidade Curricular (FUC) de Gestão dos Recursos Humanos INSTITUTO POLITÉCNICO DE COIMBRA INSTITUTO SUPERIOR DE CONTABILIDADE E ADMINISTRAÇÂO DE COIMBRA Aprovação do Conselho Pedagógico 30/3/2016 Aprovação do Conselho Técnico-Científico 20/4/2016 Ficha de Unidade

Leia mais

Mestrado em Engenharia Informática da FCT/UNL

Mestrado em Engenharia Informática da FCT/UNL Mestrado em Engenharia Informática da FCT/UNL Normas de Avaliação Preâmbulo Estas Normas de Avaliação baseiam-se nos seguintes princípios gerais. 1. Nenhum aluno pode ser aprovado a uma disciplina sem

Leia mais

Psicologia da Educação Curso de Professores do Ensino Básico 1º Ciclo 2º Ano

Psicologia da Educação Curso de Professores do Ensino Básico 1º Ciclo 2º Ano Psicologia da Educação Curso de Professores do Ensino Básico 1º Ciclo 2º Ano Ano lectivo 2007/2008 Copyright, 2008 José Farinha, Prof. Adjunto Sumário da aula de hoje: Apresentação: Da equipa pedagógica

Leia mais

HORÁRIO DE AULAS DO CURSO DE ODONTOLOGIA / SEMESTRE 2016.1

HORÁRIO DE AULAS DO CURSO DE ODONTOLOGIA / SEMESTRE 2016.1 TURMA: 2016.1 1º SEMESTRE Ciências Fisiológicas I Ciências Morfológicas I Ciências Morfofisiológicas Ciências Sociais Aplicadas a Odontologia Ciências Patológicas I Ciências Fisiológicas I Ciências Morfológicas

Leia mais

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO SECRETARIA DE EDUCAÇÃO PROFISSIONAL E TECNOLÓGICA INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA FARROUPILHA

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO SECRETARIA DE EDUCAÇÃO PROFISSIONAL E TECNOLÓGICA INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA FARROUPILHA IDENTIFICAÇÃO Plano de Ensino EIXO TECNOLÓGICO: Turismo, Hospitalidade e Lazer CURSO: Técnico em eventos Integrado FORMA/GRAU: ( X )integrado ( )subsequente ( ) concomitante ( ) bacharelado ( ) licenciatura

Leia mais

CALENDÁRIO CURSO DE ESPECIALIZAÇÃO EM COMUNICAÇÃO POLÍTICA NO LEGISLATIVO

CALENDÁRIO CURSO DE ESPECIALIZAÇÃO EM COMUNICAÇÃO POLÍTICA NO LEGISLATIVO CALENDÁRIO CURSO DE ESPECIALIZAÇÃO EM COMUNICAÇÃO POLÍTICA NO LEGISLATIVO CURSO DE ESPECIALIZAÇÃO EM COMUNICAÇÃO POLÍTICA NO LEGISLATIVO CALENDÁRIO - 2º SEMESTRE 2015 Primeiro Período Letivo DISCIPLINAS:

Leia mais

Rua Esmeralda, 430 Faixa Nova Camobi Santa Maria RS Fone/FAX: (55)

Rua Esmeralda, 430 Faixa Nova Camobi Santa Maria RS Fone/FAX: (55) EIXO TECNOLÓGICO: LICENCIATURA Plano de Ensino IDENTIFICAÇÃO CURSO: LICENCIATURA EM MATEMÁTICA FORMA/GRAU:( )integrado ( )subsequente ( ) concomitante ( ) bacharelado (X) licenciatura ( ) tecnólogo MODALIDADE:

Leia mais

PROJETO DE MONITORIA 2014

PROJETO DE MONITORIA 2014 PROJETO DE MONITORIA 2014 Centro Universitário SENAC: Curso: Design de Moda- Habilitação Estilismo Disciplina: Projeto de Moda I Professor responsável: Andrea Canton Período letivo: 1º / noite 1. Justificativa

Leia mais

CRITÉRIOS DE AVALIAÇÃO

CRITÉRIOS DE AVALIAÇÃO CRITÉRIOS DE AVALIAÇÃO 2016-2017 Agrupamento de Escolas de Loureiro a. MATEMÁTICA (5 o e 6 o anos) Pontualidade e assiduidade Autonomia e empenho 0,7x média aritmética das classificações obtidas nas fichas

Leia mais

PROPOSTA DE REESTRUTURAÇÃO DO PROCESSO DE AVALIAÇÃO PARA O CURSO DE ODONTOLOGIA DA UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO GRANDE DO NORTE

PROPOSTA DE REESTRUTURAÇÃO DO PROCESSO DE AVALIAÇÃO PARA O CURSO DE ODONTOLOGIA DA UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO GRANDE DO NORTE PROPOSTA DE REESTRUTURAÇÃO DO PROCESSO DE AVALIAÇÃO PARA O CURSO DE ODONTOLOGIA DA UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO GRANDE DO NORTE Euler Maciel Dantas * Hallissa Simplício Gomes Pereira ** Isabelita Duarte

Leia mais

AVALIAÇÃO INSTITUCIONAL DA UNIVERSIDADE DO ESTADO DE SANTA CATARINA

AVALIAÇÃO INSTITUCIONAL DA UNIVERSIDADE DO ESTADO DE SANTA CATARINA COORDENADORIA DE AVALIAÇÃO INSTITUCIONAL COAI COMISSÃO PRÓPRIA DE AVALIAÇÃO CPA AVALIAÇÃO INSTITUCIONAL DA UNIVERSIDADE DO ESTADO DE SANTA CATARINA PARTE I O DISCENTE AVALIA AS AÇÕES DO CURSO Prezado(a)

Leia mais

Auto-Avaliação do Desempenho Docente da FACENE

Auto-Avaliação do Desempenho Docente da FACENE Auto-Avaliação do Desempenho Docente da FACENE - 2011 Foram analisadas as respostas dos professores da FACENE no período letivo 2011.1 e 2011.2, a um questionário estruturado, perfazendo um total de 80

Leia mais

ESCOLA SUPERIOR DE ENFERMAGEM DE COIMBRA. Síntese do

ESCOLA SUPERIOR DE ENFERMAGEM DE COIMBRA. Síntese do ESCOLA SUPERIOR DE ENFERMAGEM DE COIMBRA Síntese do RELATÓRIO DE AUTO-AVALIAÇÃO: AVALIAÇÃO: OPINIÃO DA COMUNIDADE EDUCATIVA E ENTIDADES EMPREGADORAS O presente documento-síntese é composto pelo Índice

Leia mais

RELATÓRIO DE CONCRETIZAÇÃO DO PROCESSO DE BOLONHA

RELATÓRIO DE CONCRETIZAÇÃO DO PROCESSO DE BOLONHA RELATÓRIO DE CONCRETIZAÇÃO DO PROCESSO DE BOLONHA Ano lectivo 2008/2009 DEPARTAMENTO Engenharia Civil CURSO Licenciatura em Ciências de Engenharia Civil 1.INTRODUÇÃO A Engenharia Civil é uma actividade

Leia mais

MANUAL DE PROCEDIMENTOS

MANUAL DE PROCEDIMENTOS MANUAL DE PROCEDIMENTOS (AVALIAÇÃO DE DESEMPENHO DOCENTE 2009-2011) Aprovado por unanimidade no CP de 29/11/2010 com alterações introduzidas no CP de 14/04/2011 Página 1 INTRODUÇÃO No sentido de enquadrar

Leia mais

ANÁLISE DOS RESULTADOS DA AVALIAÇÃO DOCENTE INSTITUCIONAL CURSO DE ARQUITETURA E URBANISMO

ANÁLISE DOS RESULTADOS DA AVALIAÇÃO DOCENTE INSTITUCIONAL CURSO DE ARQUITETURA E URBANISMO AVALIAÇÃO INSTITUCIONAL ELETRÔNICA 2016 NOTA EXPLICATIVA: I A metodologia de análise dos dados relativos à Avaliação Institucional Eletrônica /2016 considerou: a) os dados gerais da instituição, visando

Leia mais

GUIA DE FUNCIONAMENTO DA UNIDADE CURRICULAR

GUIA DE FUNCIONAMENTO DA UNIDADE CURRICULAR GUIA DE FUNCIONAMENTO DA UNIDADE CURRICULAR Matemática Todos os cursos Ano lectivo: 2011/2012 Docentes Responsável Júri Vogal Vogal Responsável pela pauta Docentes que leccionam a UC Ana Maria Lebre Ana

Leia mais

APRESENTAÇÃO DOS RESULTADOS DA AVALIAÇÃO INSTITUCIONAL AVALIAÇÃO INSTITUCIONAL

APRESENTAÇÃO DOS RESULTADOS DA AVALIAÇÃO INSTITUCIONAL AVALIAÇÃO INSTITUCIONAL APRESENTAÇÃO DOS RESULTADOS DA AVALIAÇÃO INSTITUCIONAL AVALIAÇÃO INSTITUCIONAL 2009.1 CORPO DOCENTE 2009.1 Auto-avaliação docente - 2009.1 Pontualidade no início e término das aulas 14,29% 28,57% Compatibilidade

Leia mais

Relatório da Qualidade do Ensino-Aprendizagem

Relatório da Qualidade do Ensino-Aprendizagem Campus Académico Vila Nova de Gaia Escola Superior de Saúde Jean Piaget de Vila Nova de Gaia Relatório da Qualidade do Ensino-Aprendizagem 2012/2013 Elaborado por: Responsável Local pela Garantia da Qualidade

Leia mais

Auto-Avaliação do Desempenho Discente da FACENE- 2011

Auto-Avaliação do Desempenho Discente da FACENE- 2011 Auto-Avaliação do Desempenho Discente da FACENE- 2011 Foram analisadas as respostas dos alunos da FACENE no período letivo 2011.1 e 2011.2, a um questionário estruturado, perfazendo um total de 358 alunos

Leia mais

Resultados-Chave Relatório de Bolonha do ISCTE-IUL (2010/2011)

Resultados-Chave Relatório de Bolonha do ISCTE-IUL (2010/2011) Resultados-Chave Relatório de Bolonha do ISCTE-IUL (2010/2011) 1. O relatório sobre o grau de concretização do processo de Bolonha no Instituto Universitário de Lisboa (ISCTE-IUL) relativo ao ano lectivo

Leia mais

PESQUISA E CONDIÇÕES DE TRABALHO DO CORPO DOCENTE PRESENCIAL 1º SEMESTRE

PESQUISA E CONDIÇÕES DE TRABALHO DO CORPO DOCENTE PRESENCIAL 1º SEMESTRE RELATÓRIO GERENCIAL PESQUISA E CONDIÇÕES DE TRABALHO DO CORPO DOCENTE PRESENCIAL 1º SEMESTRE 2015 CENTRO UNIVERSITÁRIO INTERNACIONAL UNINTER COMISSÃO PRÓPRIA DE AVALIAÇÃO CPA RELATÓRIO GERENCIAL DA PESQUISA

Leia mais

Relatório da ação de formação

Relatório da ação de formação Relatório da ação de formação A utilização do Microsoft Excel na atividade docente Modalidade: Oficina de Formação 30 Horas Data de início: 26/01/2016 - Data de fim: 05/04/2016 Local: Escola Secundária

Leia mais

AVALIAÇÃO DOS PROFESSORES PELOS ALUNOS NO CURSO DE ENGENHARIA CIVIL DA UFPE

AVALIAÇÃO DOS PROFESSORES PELOS ALUNOS NO CURSO DE ENGENHARIA CIVIL DA UFPE AVALIAÇÃO DOS PROFESSORES PELOS ALUNOS NO CURSO DE ENGENHARIA CIVIL DA UFPE Bernard B. P. Genevois Universidade Federal de Pernambuco Centro de Tecnologia - Av. Acad. Hélio Ramo, s/n Cidade Universitária

Leia mais

Manhã: Segunda Terça Quarta Quinta Sexta Sábado

Manhã: Segunda Terça Quarta Quinta Sexta Sábado Turma: 10 (1º Semestre) Ingresso: 2012/2 Inglês 1 Inglês 1 Fundamentos de Fundamentos de Inglês 1 Inglês 1 Fundamentos de Fundamentos de Turma: 9 (2º Semestre) Ingresso: 2012/1 Manha: Laboratório de Metodologia

Leia mais

REGULAMENTO DE ESTÁGIO CURRICULAR DOS CURSOS TÉCNICOS SUPERIORES PROFISSIONAIS. Artigo 1.º Âmbito. Artigo 2.º Definição e Objetivos

REGULAMENTO DE ESTÁGIO CURRICULAR DOS CURSOS TÉCNICOS SUPERIORES PROFISSIONAIS. Artigo 1.º Âmbito. Artigo 2.º Definição e Objetivos REGULAMENTO DE ESTÁGIO CURRICULAR DOS CURSOS TÉCNICOS SUPERIORES PROFISSIONAIS Artigo 1.º Âmbito O presente regulamento fixa as normas gerais relativas ao funcionamento da componente de formação prática

Leia mais

CURSO DE FORMAÇÃO ESPECIALIZADA EM EDUCAÇÃO ESPECIAL:

CURSO DE FORMAÇÃO ESPECIALIZADA EM EDUCAÇÃO ESPECIAL: CURSO DE FORMAÇÃO ESPECIALIZADA EM EDUCAÇÃO ESPECIAL: Domínio Cognitivo e Motor (Código A71) Educadores de Infância e Professores dos 1º, 2º e 3º ciclos do ensino básico e do ensino secundário Curso de

Leia mais

Proposta dos Planos de Transição dos SIG/SIGN

Proposta dos Planos de Transição dos SIG/SIGN ANEXO B Proposta dos Planos de Transição dos SIG/SIGN De seguida apresentam-se os planos de transição para a estrutura curricular resultante da adequação dos cursos de SIG e SIGN segundo o Processo de

Leia mais

LISTA DE FIGURAS, GRÁFICOS, QUADROS E TABELAS

LISTA DE FIGURAS, GRÁFICOS, QUADROS E TABELAS iii LISTA DE FIGURAS, GRÁFICOS, QUADROS E TABELAS Capítulo I Tabela nº 1 Composição da amostragem: professores e alunos em relação às quantidades de questionários enviados/recebidos na pesquisa.. 6 Tabela

Leia mais

LICENCIATURA EM DESIGN DE COMUNICAÇÃO

LICENCIATURA EM DESIGN DE COMUNICAÇÃO LICENCIATURA EM DESIGN DE COMUNICAÇÃO NORMAS REGULAMENTARES Curso do 1º ciclo de estudos do ensino superior, de cariz universitário, conferente do grau de licenciado, adequado ao Processo de Bolonha, constante

Leia mais

AGRUPAMENTO DE ESCOLAS DE ANADIA Critérios Gerais de Avaliação 1º Ciclo do Ensino Básico 2011/2012. Critérios Gerais de Avaliação 1º CEB

AGRUPAMENTO DE ESCOLAS DE ANADIA Critérios Gerais de Avaliação 1º Ciclo do Ensino Básico 2011/2012. Critérios Gerais de Avaliação 1º CEB Critérios Gerais de Avaliação 1º CEB 0 Introdução No Ensino Básico A avaliação constitui um processo regulador das aprendizagens, orientador do percurso escolar e certificador das diversas aquisições realizadas

Leia mais

HORÁRIOS DE AULA CURSO: SISTEMAS DE INFORMAÇÃO SEMESTRE: 2015.2 PERIODO: 1º TURMA: TURNO: NOITE BLOCO: A

HORÁRIOS DE AULA CURSO: SISTEMAS DE INFORMAÇÃO SEMESTRE: 2015.2 PERIODO: 1º TURMA: TURNO: NOITE BLOCO: A CURSO: DE INFORMAÇÃO SEMESTRE: 2015.2 PERIODO: 1º TURMA: TURNO: NOITE BLOCO: A CURSO: DE INFORMAÇÃO SEMESTRE: 2015.2 PERIODO: 2º TURMA: TURNO: NOITE BLOCO: A I I I I CURSO: DE INFORMAÇÃO SEMESTRE: 2015.2

Leia mais

Mestrado em Comunicação Social Novos Media Edição de 2015-17 (1.º ano) 1

Mestrado em Comunicação Social Novos Media Edição de 2015-17 (1.º ano) 1 1 Calendarização Nº da Nome da unidade curricular Docente Sala unidade curricular Primeiro semestre 1, Comunidades e Redes Sociais Carla Patrão 2 Sociologia dos Novos Gil Ferreira 3 Imagem Digital e Pós-Fotográfica

Leia mais

APÊNDICE A Questionários Aplicados

APÊNDICE A Questionários Aplicados APÊNDICE A Questionários Aplicados CPA Comissão Própria de Avaliação 60 INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DE SÃO PAULO CAMPUS SERTÃOZINHO COMISSÃO PRÓPRIA DE AVALIAÇÃO CPA AUTOAVALIAÇÃO

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO GRANDE DO SUL FACULDADE DE CIÊNCIAS ECONÔMICAS NÚCLEO DE AVALIAÇÃO DA UNIDADE

UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO GRANDE DO SUL FACULDADE DE CIÊNCIAS ECONÔMICAS NÚCLEO DE AVALIAÇÃO DA UNIDADE UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO GRANDE DO SUL FACULDADE DE CIÊNCIAS ECONÔMICAS NÚCLEO DE AVALIAÇÃO DA UNIDADE RELATÓRIO DA ANÁLISE DOS DADOS DA AVALIAÇÃO DO SEMESTRE 2014/2 DA FACULDADE DE CIÊNCIAS ECONÔMICAS:

Leia mais

UNIVERSIDADE LUSÍADA DE LISBOA. Programa da Unidade Curricular POLÍTICA SOCIAL E SEGURANÇA SOCIAL NA CONTEMPORANEIDADE Ano Lectivo 2016/2017

UNIVERSIDADE LUSÍADA DE LISBOA. Programa da Unidade Curricular POLÍTICA SOCIAL E SEGURANÇA SOCIAL NA CONTEMPORANEIDADE Ano Lectivo 2016/2017 Programa da Unidade Curricular POLÍTICA SOCIAL E SEGURANÇA SOCIAL NA CONTEMPORANEIDADE Ano Lectivo 2016/2017 1. Unidade Orgânica Serviço Social (1º Ciclo) 2. Curso Serviço Social 3. Ciclo de Estudos 1º

Leia mais

ESCULTURA II MULTIMÉDIA II ESCULTURA COMPLEM. II PINTURA COMPLEMENT. II

ESCULTURA II MULTIMÉDIA II ESCULTURA COMPLEM. II PINTURA COMPLEMENT. II LICENCIATURA EM ARTES VISUAIS. VARIANTES PINTURA E ESCULTURA 1.º ANO. SEMESTRE PAR. ANO LECTIVO 201213 HISTÓRIA GERAL DA ARTE II DESENHO II [ sala ST5 ] MULTIMÉDIA II ESCULTURA II Rodrigo Oliveira PINTURA

Leia mais

PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM AQUICULTURA E DESENVOLVIMENTO SUSTENTÁVEL

PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM AQUICULTURA E DESENVOLVIMENTO SUSTENTÁVEL PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM AQUICULTURA E DESENVOLVIMENTO SUSTENTÁVEL Diretrizes para o Estágio em Docência do Programa de Pós-Graduação em Aquicultura e Desenvolvimento Sustentável O Colegiado do Programa

Leia mais

RELATÓRIO GERENCIAL AVALIAÇÃO DE DESEMPENHO DOCENTE, CURSO E COORDENADOR DE CURSO GRADUAÇÃO PRESENCIAL REGIME QUADRIMESTRAL

RELATÓRIO GERENCIAL AVALIAÇÃO DE DESEMPENHO DOCENTE, CURSO E COORDENADOR DE CURSO GRADUAÇÃO PRESENCIAL REGIME QUADRIMESTRAL RELATÓRIO GERENCIAL AVALIAÇÃO DE DESEMPENHO DOCENTE, CURSO E COORDENADOR DE CURSO GRADUAÇÃO PRESENCIAL REGIME QUADRIMESTRAL MÓDULO B 2015 CENTRO UNIVERSITÁRIO INTERNACIONAL UNINTER COMISSÃO PRÓPRIA DE

Leia mais

Avaliação das condições de ensino - UFPE

Avaliação das condições de ensino - UFPE Avaliação das condições de ensino - UFPE Editar este formulário Prezado(a) professor(a), Considerando o ensino como uma das dimensões da docência na universidade (Ensino, pesquisa, extensão, gestão), este

Leia mais

Formulário Para Criação de Curso FORMULÁRIO Nº 1: ESPECIALIZAÇÃO - CURSO NOVO

Formulário Para Criação de Curso FORMULÁRIO Nº 1: ESPECIALIZAÇÃO - CURSO NOVO INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA MINAS GERAIS PRÓ-REITORIA DE PESQUISA, INOVAÇÃO E PÓS-GRADUAÇÃO Formulário Para Criação de Curso FORMULÁRIO Nº 1: ESPECIALIZAÇÃO - CURSO NOVO Campus:

Leia mais

Instituto Superior de Ciências Empresariais e do Turismo

Instituto Superior de Ciências Empresariais e do Turismo Instituto Superior de Ciências Empresariais e do Turismo DESDE 1990 O ISCET Instituto Superior de Ciências Empresariais e do Turismo é um estabelecimento de ensino superior politécnico, criado em 25 de

Leia mais

UNIVERSIDADE LUSÍADA DE LISBOA. Programa da Unidade Curricular LANÇAMENTO DE NOVOS PRODUTOS Ano Lectivo 2012/2013

UNIVERSIDADE LUSÍADA DE LISBOA. Programa da Unidade Curricular LANÇAMENTO DE NOVOS PRODUTOS Ano Lectivo 2012/2013 Programa da Unidade Curricular LANÇAMENTO DE NOVOS PRODUTOS Ano Lectivo 2012/2013 1. Unidade Orgânica Ciências da Economia e da Empresa (1º Ciclo) 2. Curso Marketing e Publicidade 3. Ciclo de Estudos 1º

Leia mais

Resumo da avaliação dos cursos de graduação, quanto a participação das turmas, dos alunos e dos docentes. Informação

Resumo da avaliação dos cursos de graduação, quanto a participação das turmas, dos alunos e dos docentes. Informação Resumo da avaliação dos cursos de graduação, quanto a participação das turmas, dos alunos e dos docentes. Informação Turmas Aptos Avaliados Não Avaliados Participação(%) 60 49 11 81,67 Alunos 2.690 1.130

Leia mais

PORTUGUÊS CRITÉRIOS ESPECÍFICOS DE AVALIAÇÃO E CLASSIFICAÇÃO DE ALUNOS. ENSINO BÁSICO (2.º e 3.º CICLOS) ENSINO SECUNDÁRIO

PORTUGUÊS CRITÉRIOS ESPECÍFICOS DE AVALIAÇÃO E CLASSIFICAÇÃO DE ALUNOS. ENSINO BÁSICO (2.º e 3.º CICLOS) ENSINO SECUNDÁRIO AGRUPAMENTO DE ESCOLAS Nº 4 DE ÉVORA SEDE: ESCOLA SECUNDÁRIA ANDRÉ DE GOUVEIA CRITÉRIOS ESPECÍFICOS DE AVALIAÇÃO E CLASSIFICAÇÃO DE ALUNOS PORTUGUÊS ENSINO BÁSICO (2.º e 3.º CICLOS) ENSINO SECUNDÁRIO outubro

Leia mais

Aprovação do curso e Autorização da oferta. PROJETO PEDAGÓGICO DE CURSO FIC Estratégias de Marketing de Varejo. Parte 1 (solicitante)

Aprovação do curso e Autorização da oferta. PROJETO PEDAGÓGICO DE CURSO FIC Estratégias de Marketing de Varejo. Parte 1 (solicitante) MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO SECRETARIA DE EDUCAÇÃO PROFISSIONAL E TECNOLÓGICA INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DE SANTA CATARINA Aprovação do curso e Autorização da oferta PROJETO PEDAGÓGICO

Leia mais

AEMS-ASSOCIAÇÃO DE ENSINO E CULTURA DE MS FACULDADES INTEGRADAS DE TRÊS LAGOAS RELATÓRIO GERAL RESPOSTA DE ALUNOS DA I.E.S. 2º SEMESTRE DE 2015

AEMS-ASSOCIAÇÃO DE ENSINO E CULTURA DE MS FACULDADES INTEGRADAS DE TRÊS LAGOAS RELATÓRIO GERAL RESPOSTA DE ALUNOS DA I.E.S. 2º SEMESTRE DE 2015 AEMS-ASSOCIAÇÃO DE ENSINO E CULTURA DE MS FACULDADES INTEGRADAS DE TRÊS LAGOAS RELATÓRIO GERAL RESPOSTA DE ALUNOS DA I.E.S. 2º SEMESTRE DE 2015 1.1 Organização Institucional Q1 Cumprimento da missão das

Leia mais

UNIVERSIDADE LUSÍADA DE LISBOA. Programa da Unidade Curricular GEOMETRIA PROJECTIVA Ano Lectivo 2016/2017

UNIVERSIDADE LUSÍADA DE LISBOA. Programa da Unidade Curricular GEOMETRIA PROJECTIVA Ano Lectivo 2016/2017 Programa da Unidade Curricular GEOMETRIA PROJECTIVA Ano Lectivo 2016/2017 1. Unidade Orgânica Arquitectura e Artes (1º Ciclo) 2. Curso Arquitectura 3. Ciclo de Estudos 1º 4. Unidade Curricular GEOMETRIA

Leia mais

Plano de Ensino IDENTIFICAÇÃO

Plano de Ensino IDENTIFICAÇÃO Plano de Ensino IDENTIFICAÇÃO EIXO TECNOLÓGICO: INFORMAÇÃO E COMUNICAÇÃO CURSO: TÉCNICO INFORMÁTICA FORMA/GRAU:(X)integrado ( )subsequente ( ) concomitante ( ) bacharelado ( ) licenciatura ( ) tecnólogo

Leia mais

UNIVERSIDADE LUSÍADA DE LISBOA. Programa da Unidade Curricular REALIZAÇÃO E PRODUÇÃO MULTIMÉDIA Ano Lectivo 2015/2016

UNIVERSIDADE LUSÍADA DE LISBOA. Programa da Unidade Curricular REALIZAÇÃO E PRODUÇÃO MULTIMÉDIA Ano Lectivo 2015/2016 Programa da Unidade Curricular REALIZAÇÃO E PRODUÇÃO MULTIMÉDIA Ano Lectivo 205/206. Unidade Orgânica Ciências Humanas e Sociais (2º Ciclo) 2. Curso MESTRADO EM COMUNICAÇÃO MULTIMÉDIA 3. Ciclo de Estudos

Leia mais

Comparativo _ Antigo X Projeto DIREITO PROCESSUAL PENAL DIREITO PRIVADO DIREITO PROCESSUAL CIVIL DIREITO EMPRESARIAL

Comparativo _ Antigo X Projeto DIREITO PROCESSUAL PENAL DIREITO PRIVADO DIREITO PROCESSUAL CIVIL DIREITO EMPRESARIAL DIR 01 DIR 02 DIREITO PENAL DIREITO PROCESSUAL PENAL DIREITO PRIVADO DIREITO PROCESSUAL CIVIL DIREITO EMPRESARIAL DIR 03 DIREITO PÚBLICO E DO ESTADO DIREITO INTERNACIONAL PROPEDÊUTICAS, FILOSOFIA E SOCIOLOGIA

Leia mais

Metodologia do Desporto - Treino Desportivo - Natação. Ponte entre a teoria e prática.

Metodologia do Desporto - Treino Desportivo - Natação. Ponte entre a teoria e prática. Workshop de inovação e partilha pedagógica da U.Porto Experiências pedagógicas na U.Porto: apresentações das unidades orgânicas Metodologia do Desporto - Treino Desportivo - Natação. Ponte entre a teoria

Leia mais

Total: 177 horas Horas de Contacto: (T + TP) 5

Total: 177 horas Horas de Contacto: (T + TP) 5 Ano Letivo 2016-2017 Designação do Curso Design de Comunicação Unidade Curricular Tecnologias Aplicadas ao Design I Área Científica Design Ano Semestre/Trimestre 1.º Ano 1.º Semestre Tempo de Trabalho

Leia mais

English version at the end of this document

English version at the end of this document English version at the end of this document Ano Letivo 2017-18 Unidade Curricular ATENDIMENTO E TÉCNICAS DE NEGOCIAÇÃO Cursos SECRETARIADO EXECUTIVO Unidade Orgânica Escola Superior de Gestão, Hotelaria

Leia mais

COORDENAÇÃO DO CURSO TÉCNICO EM MEIO AMBIENTE EAD Inicio 02/03/2015 1 MÓDULO - TURMA DE 2015 DISCIPLINA PROFESSOR CARGA HORÁRIA

COORDENAÇÃO DO CURSO TÉCNICO EM MEIO AMBIENTE EAD Inicio 02/03/2015 1 MÓDULO - TURMA DE 2015 DISCIPLINA PROFESSOR CARGA HORÁRIA COORDENAÇÃO DO CURSO TÉCNICO EM MEIO AMBIENTE EAD Inicio 02/03/2015 1 MÓDULO - TURMA DE 2015 DISCIPLINA PROFESSOR CARGA HORÁRIA Acolhimento Informática Ética Ambiental Percepção Ambiental Economia Ambiental

Leia mais

Instituto Politécnico de Setúbal. O Conhecimento como Paixão. A Engenharia como Profissão!

Instituto Politécnico de Setúbal. O Conhecimento como Paixão. A Engenharia como Profissão! O Conhecimento como Paixão A Engenharia como Profissão! Cursos de Engenharia Cursos de Tecnologia Engenharia do Ambiente Engenharia de Automação, Controlo e Instrumentação Engenharia Electrotécnica e de

Leia mais

FORMAÇÃO PEDAGÓGICA DE PROFESSORES DO ENSINO SUPERIOR PERCURSO DE UM MODELO EM (RE)CONSTRUÇÃO

FORMAÇÃO PEDAGÓGICA DE PROFESSORES DO ENSINO SUPERIOR PERCURSO DE UM MODELO EM (RE)CONSTRUÇÃO FORMAÇÃO PEDAGÓGICA DE PROFESSORES DO ENSINO SUPERIOR PERCURSO DE UM MODELO EM (RE)CONSTRUÇÃO VII Congresso Iberoamericano de Docência Universitária, FPCEUP, 2012 Ilídia Vieira, Luísa Ribeiro Trigo e José

Leia mais

REGULAMENTO DE FREQUÊNCIA. Capítulo I Regime de Funcionamento. Artigo 1.º Âmbito

REGULAMENTO DE FREQUÊNCIA. Capítulo I Regime de Funcionamento. Artigo 1.º Âmbito REGULAMENTO DE FREQUÊNCIA Capítulo I Regime de Funcionamento Artigo 1.º Âmbito 1 O presente Regulamento Interno de Frequência aplica-se aos cursos conferentes de graus académicos e diplomas do ensino superior

Leia mais

Relatório sobre a Qualidade de Ensino na Escola Superior de Educação de Lisboa. Ano letivo 2013/2014

Relatório sobre a Qualidade de Ensino na Escola Superior de Educação de Lisboa. Ano letivo 2013/2014 ESCOLA SUPERIOR DE EDUCAÇÃO DE LISBOA Instituto Politécnico de Lisboa Relatório sobre a Qualidade de Ensino na Escola Superior de Educação de Lisboa Ano letivo 2013/2014 Conselho Pedagógico ÍNDICE GERAL

Leia mais

RELATÓRIO DE ATIVIDADES TRATAMENTO ESTATÍSTICO DOS DADOS COLETADOS JUNTO AOS EGRESSOS DO PERÍODO DE

RELATÓRIO DE ATIVIDADES TRATAMENTO ESTATÍSTICO DOS DADOS COLETADOS JUNTO AOS EGRESSOS DO PERÍODO DE APRESENTAÇÃO RELATÓRIO DE ATIVIDADES TRATAMENTO ESTATÍSTICO DOS DADOS COLETADOS JUNTO AOS EGRESSOS DO PERÍODO DE 1995-2001 Benedito S. Lima Neto Coordenador do Projeto Juliana Milanez Estagiária outubro,

Leia mais

Avaliação de Desempenho Docente

Avaliação de Desempenho Docente Dicas para a elaboração de um Portefólio Avaliação de Desempenho Docente O PORTEFÓLIO deve conter um registo das reflexões e das práticas e deve estar devidamente documentado. 13-04-2008 1 Deve conter:

Leia mais

UNIVERSIDADE CASTELO BRANCO Centro Educacional de Realengo

UNIVERSIDADE CASTELO BRANCO Centro Educacional de Realengo PROCESSO SELETIVO PARA RECRUTAMENTO E SELEÇÃO DE DOCENTES PARA OS CURSOS DE GRADUAÇÃO E GRADUAÇÃO TECNOLÓGICA A Vice-Reitoria da Universidade Castelo Branco UCB, no uso das atribuições legais e regimentais

Leia mais

Diário da República, 2.ª série N.º de dezembro de

Diário da República, 2.ª série N.º de dezembro de Diário da República, 2.ª série N.º 241 15 de dezembro de 2014 31529 208283306 INSTITUTO POLITÉCNICO DE TOMAR Despacho n.º 15198/2014 Ao abrigo do disposto nos artigos 75.º a 80.º, do Decreto -Lei pelos

Leia mais