UFV/COMISSÃO PRÓPRIA DE AVALIAÇÃO (CPA) III CICLO DA AUTOAVALIAÇÃO INSTITUCIONAL AGOSTO-2011 QUESTIONÁRIO AUTO-AVALIAÇÃO PROFESSORES

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "UFV/COMISSÃO PRÓPRIA DE AVALIAÇÃO (CPA) III CICLO DA AUTOAVALIAÇÃO INSTITUCIONAL AGOSTO-2011 QUESTIONÁRIO AUTO-AVALIAÇÃO PROFESSORES"

Transcrição

1 UFV/COMISSÃO PRÓPRIA DE AVALIAÇÃO (CPA) III CICLO DA AUTOAVALIAÇÃO INSTITUCIONAL AGOSTO-2011 QUESTIONÁRIO AUTO-AVALIAÇÃO PROFESSORES A CPA agradece sua participação no processo de Autoavaliação Institucional e informa que serão respeitados os princípios de confidencialidade de dados individuais na divulgação dos resultados. 1. Missão e o PDI "A UFV tem como missão exercer uma ação integrada das atividades de ensino, pesquisa e extensão, visando à universalização da educação superior de qualidade, à promoção do desenvolvimento das ciências, letras e artes e à formação de cidadãos com visão técnica, científica e humanística, capazes de enfrentar desafios e atender às demandas da sociedade." Os membros da comunidade universitária orientam suas ações no sentido de seguir esta missão? 1.2. O Plano de Gestão é um documento elaborado a cada quatro anos para orientar as ações e políticas da UFV. Em relação a este Plano: sabia da sua existência Sabia da sua existência, mas nunca me interessei em conhecer o seu conteúdo Participei de sua elaboração 1.3. (Para quem respondeu "Participei de sua elaboração") Avalie a situação atual de implementação do Plano de Gestão da UFV: Forte Regular Fraca 1.4. O que é levado em conta na determinação dos procedimentos administrativos, metas e ações institucionais da UFV? Orientações do Reitor e de sua equipe administrativa Orientações do Ministério da Educação influencia Pouca influência Influência regular Muita influência Processos e resultados das avaliações de curso e institucionais Demandas da comunidade acadêmica Demandas da sociedade 1.5. A UFV se planeja para além da gestão de um Reitor? 1.6. Você tem algum comentário sobre esta dimensão?

2 2. A política para o ensino, a pesquisa, a extensão Qual é a sua opinião sobre o regime didático da UFV? Sem condições de 2.2. Quais fatores estão sendo levados em conta pela UFV na criação de novos cursos de graduação? Demandas da sociedade Interesses dos professores Avaliações de oportunidades de mercado Interesse institucional Orientações do MEC 2.3. Qual foi o impacto do atual processo de expansão da graduação na UFV para os seguintes fatores: Qualidade de vida da população local Piorou Alterou Melhorou Qualidade do ensino de graduação administrado pela Universidade Qualidade das pesquisas realizadas pela Universidade Qualidade das ações de extensão realizadas pela Universidade 2.4. A modalidade do ensino a distância deve ser aplicada em quais situações? Graduação Pós-Graduação Lato sensu (especialização) Pós-Graduação Stricto sensu 2.5. Como você avalia a relevância científica das pesquisas desenvolvidas na UFV? 2.6. Você desenvolveu ou participou de algum projeto de pesquisa na UFV (últimos três anos)? 2.7. (Para quem respondeu "") Como foi o apoio da UFV na realização da sua pesquisa quanto aos seguintes itens:

3 Infraestrutura (espaço físico, computadores etc.) Recursos humanos Meios de transporte Recursos financeiros Meios para divulgação dos resultados da pesquisa 2.8. Quais são os fatores que afetam a seleção dos bolsistas de iniciação científica na UFV? Dedicação e interesse do aluno em relação ao tema do projeto Notas do aluno nas várias disciplinas cursadas Relações de amizade do aluno com o professor Situação econômico-social do aluno Sem condições de 2.9. Você desenvolveu ou participou de algum projeto de extensão na UFV (últimos três anos)? (Para quem respondeu "") Como foi o apoio da UFV na realização do seu projeto de extensão quanto aos seguintes itens: Infraestrutura necessária (espaço físico, computadores etc.) Recursos humanos necessários (bolsistas) Meios de transporte necessários Recursos financeiros necessários Meios para divulgação dos resultados do projeto Você desenvolveu algum projeto de ensino na UFV (últimos três anos)? (Para quem respondeu "") Como foi o apoio da UFV na realização do seu projeto de ensino quanto aos seguintes itens: Infraestrutura necessária (espaço físico, computadores etc.) Recursos humanos necessários (bolsistas) Meios de transporte necessários Recursos financeiros necessários Meios para divulgação dos resultados

4 do projeto Como foi o atendimento à sua demanda para participar de eventos externos (últimos três anos)? Nunca pleiteei Nenhum Parcial Integral A UFV está instrumentalizada para atender à demanda por estágios acadêmicos? Você tem algum comentário sobre esta dimensão? 3. A responsabilidade social da Instituição As ações de ensino, pesquisa e extensão desenvolvidas pela UFV têm contribuído para a melhora da qualidade de vida da população local em relação aos seguintes aspectos? Promoção da cidadania Melhorou alterou Inclusão social Desenvolvimento econômico Defesa do meio ambiente Memória e produção cultural Produção artística 3.2. Que tipo de impacto você acredita que as ações de ensino, pesquisa e extensão desenvolvidas pela UFV geram em âmbito estadual e, ou, nacional? Aumento da produção de conhecimento científico Melhora da qualidade de vida da população Desenvolvimento de técnicas e procedimentos de intervenção 3.3. Os itens a seguir caracterizam o atual relacionamento da UFV com o setor privado? Preocupação em formar os alunos de acordo com as necessidades do mercado de trabalho Produção de conhecimento científico para aperfeiçoar os processos de produção já existentes Subsídios para a criação de novas empresas Produção de conhecimento científico, Sem condições de Sem condições de

5 visando identificar novas oportunidades de mercado 3.4. Os itens a seguir caracterizam o atual relacionamento da UFV com o setor público? Produção de diagnósticos para subsidiar o planejamento de políticas públicas Parceria da UFV e do governo municipal na execução das políticas públicas Produção de avaliações de resultado das políticas públicas Sem condições de 3.5. Você tem algum comentário sobre esta dimensão? 4. A comunicação com a sociedade Os meios de comunicação utilizados pela UFV difundem informações sobre as ações desenvolvidas pela Universidade para a comunidade externa? Muito Pouco difundem 4.2. Os meios de comunicação utilizados pela UFV difundem informações sobre as ações executadas pela universidade para toda a comunidade universitária? 4.3. A atual política de marketing da UFV gera uma imagem positiva da Universidade para a sociedade? Em parte 4.4. Qual é a sua avaliação sobre a qualidade do conteúdo disponibilizado nos seguintes meios de comunicação da UFV? Página na internet Sem condições de Jornal da UFV Rádio Universitária TV Universitária 4.5. Você ficou satisfeito com o serviço prestado pela Ouvidoria? Nunca utilizei esse serviço 4.6. Você tem algum comentário sobre esta dimensão?

6 5. Políticas de pessoal Como você avalia o programa de qualidade de vida oferecido pela UFV? Sem condições de 5.2. Avalie o seu ambiente de trabalho em relação aos itens seguintes: Infraestrutura física Segurança Adequação à atividade realizada Relacionamento com os dirigentes Relacionamento com os demais colegas de trabalho Qualidade dos materiais e equipamentos Quantidade de materiais e equipamentos Número de profissionais para realizar o trabalho no seu setor Profissionais qualificados para realizar o trabalho no seu setor 5.3. Você acredita que a política de carreira e os incentivos da UFV fazem com que os profissionais se dediquem mais ao trabalho? 5.4. Você acredita que a política de capacitação de pessoal tem conseguido proporcionar: Aquisição de conhecimento para melhoria das atividades profissionais Melhoria da condição salarial e de aposentadoria Valorização profissional e pessoal Capacitação condizente com as necessidades do setor 5.5. De que forma a contratação de mão de obra terceirizada pela UFV tem impactado nos seguintes itens? Rapidez no trabalho realizado Qualidade do trabalho realizado Presteza no atendimento das Piorou alterou Melhorou Sem condições de.

7 demandas Relações interpessoais Continuidade das atividades desenvolvidas no setor 5.6. Você tem algum comentário sobre esta dimensão? 6. Organização e gestão da Instituição Em relação ao Conselho Universitário (CONSU), avalie os seguintes itens: Funcionamento Sem condições de Composição Autonomia para tomada de decisão 6.2. Em relação ao Conselho de Ensino, Pesquisa e Extensão (CEPE), avalie os seguintes itens: Funcionamento Sem condições de Composição Autonomia para tomada de decisão 6.3. Você já teve acesso ao Estatuto e ao Regimento Geral da UFV? sabia da existência destes documentos Sabia da sua existência, mas nunca me interessei em conhecer o seu conteúdo Acessei e li o seu conteúdo 6.4. Como você avalia o processo de interação entre as três unidades da UFV: Viçosa, Rio Paranaíba e Florestal? Sem condições de 6.5. Você tem algum comentário sobre esta dimensão? 7. Infraestrutura física Como você avalia os recursos computacionais (laboratórios, equipamentos) do

8 Campus? Sem condições de 7.2. Como você avalia os recursos computacionais relacionados a software (sistemas e internet) do Campus? Sem condições de 7.3. Qual é a sua avaliação sobre os sistemas informatizados de gestão disponibilizados pela UFV? RADOC Sem condições de RAEX SAPIENS PVANet Sistemas administrativos (Sistema de Compras, Processos, Requisição de Veículos etc.) 7.4. Em relação ao serviço de transporte oferecido pela UFV, avalie itens a seguir: Higiene do veículo Sem condições de Modo de direção do motorista Pontualidade na realização do serviço 7.5. Em relação às salas de aula, avalie os itens a seguir: Cuidado com o silêncio Higiene do ambiente Qualidade dos móveis Tamanho do espaço físico Situação dos equipamentos didáticos 7.6. Em relação aos recursos da UFV para realização do ensino a distância, avalie os itens a seguir: Sistema de disponibilização dos conteúdos na internet Laboratório de informática disponível para os alunos Tutores presenciais Sem condições de Tutores a distância

9 7.7. Em relação ao laboratório didático destinado a aulas práticas, faça uma avaliação dos itens a seguir: Cuidado com o silêncio Higiene do ambiente Qualidade dos móveis Instalações elétricas Tamanho do espaço físico Situação dos equipamentos Sem condições de 7.8. Avalie as condições de acessibilidade no Campus: existe Rampas para locomoção Sem condições de Elevadores Marcas no chão para facilitar o deslocamento Bebedouro adaptado Banheiros adaptados 7.9. Em relação aos espaços para lazer e convivência no Campus, avalie os itens a seguir: Iluminação Limpeza do ambiente Relacionamento com os funcionários da segurança Qualidade da infraestrutura Sensação de segurança Locais disponíveis Como você avalia os serviços das cantinas e lanchonetes no Campus?

10 7.11. Como você avalia os serviços de segurança no Campus? Em relação às vias de deslocamento (ruas, avenidas e passeios) no interior do Campus, avalie os itens a seguir: Iluminação Limpeza Sinalização Qualidade da infraestrutura Sensação de segurança Trânsito de veículos Em relação ao ambiente da Biblioteca do Campus, avalie os itens a seguir: Tamanho do espaço físico Privacidade Disponibilidade do acervo Higiene do ambiente Iluminação Instalações elétricas Qualidade dos móveis Qualidade do acervo em sua área de interesse Silêncio Acessibilidade ao acervo Espaço para estudo Você tem algum comentário sobre esta dimensão? 8. Planejamento e avaliação Que importância você atribui à realização periódica de processos de avaliação

11 institucional? Nenhuma importância Pouca importância Mediana importância Muita importância 8.2. Os resultados dos processos avaliativos são utilizados como subsídios para revisão do planejamento da UFV? Em parte Sem condições de 8.3. Você considera satisfatória a divulgação dos resultados dos processos avaliativos na Instituição? Em parte Sem condições de 8.4. Você tem algum comentário sobre esta dimensão? 9. Políticas de atendimento aos discentes Quanto à Divisão de Saúde, avalie os itens a seguir: Disponibilidade de vaga para consulta Nunca utilizei os serviços Qualidade do atendimento prestado Higiene do ambiente Adequação da infraestrutura ao serviço prestado 9.2. Em relação ao procedimento de recepção dos novos alunos na UFV, avalie os itens a seguir: O aluno é informado sobre procedimentos acadêmicos O aluno é informado sobre os serviços disponíveis O aluno é informado sobre as formas de buscar assistência estudantil O aluno é informado sobre seus direitos e deveres enquanto estudante da UFV Em parte Sem condições de 9.3. Como você avalia o acompanhamento de egressos pela UFV? Inexistente Regular Bom Ótimo Sem condições de 9.4. Você tem algum comentário sobre esta dimensão?

12 10. Sustentabilidade financeira Os recursos orçamentários da Instituição são aplicados de forma eficiente? Sem condições de Os recursos que a UFV possui são suficientes para realizar serviços de qualidade? Sem condições de O esforço da Instituição na captação adicional de recursos orçamentários/financeiros é suficiente? Sem condições de Você tem algum comentário sobre esta dimensão?

E I X O S

E I X O S 0011 0010 1010 1101 0001 0100 1011 5 E I X O S 10 dimensões 5 eixos 8- Planejamento e Avaliação. 1- Missão e Plano de Desenvolvimento Institucional. 0011 3- Responsabilidade 0010 1010 1101 Social 0001

Leia mais

AVALIAÇÃO INSTITUCIONAL DA UNIVERSIDADE DO ESTADO DE SANTA CATARINA

AVALIAÇÃO INSTITUCIONAL DA UNIVERSIDADE DO ESTADO DE SANTA CATARINA COORDENADORIA DE AVALIAÇÃO INSTITUCIONAL COAI COMISSÃO PRÓPRIA DE AVALIAÇÃO CPA AVALIAÇÃO INSTITUCIONAL DA UNIVERSIDADE DO ESTADO DE SANTA CATARINA PARTE I O DOCENTE AVALIA AS AÇÕES DO CURSO Prezado(a)

Leia mais

RELATÓRIO DE RESPOSTAS OBTIDAS NA PESQUISA DE AUTOAVALIAÇÃO 2016 CENTRO DE CIÊNCIAS RURAIS CCR: MODALIDADE PRESENCIAL

RELATÓRIO DE RESPOSTAS OBTIDAS NA PESQUISA DE AUTOAVALIAÇÃO 2016 CENTRO DE CIÊNCIAS RURAIS CCR: MODALIDADE PRESENCIAL UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA PRÓ-REITORIA DE PLANEJAMENTO COORDENADORIA DE PLANEJAMENTO E AVALIAÇÃO INSTITUCIONAL RELATÓRIO DE RESPOSTAS OBTIDAS NA PESQUISA DE AUTOAVALIAÇÃO 2016 DE CIÊNCIAS RURAIS

Leia mais

Engenharia Civil. 1- Em relação ao trabalho realizado pela Comissão Própria de Avaliação - CPA, como você avalia:

Engenharia Civil. 1- Em relação ao trabalho realizado pela Comissão Própria de Avaliação - CPA, como você avalia: Engenharia Civil Senhor (a) coordenador (a), a seguir estão os dados referentes às respostas obtidas no questionário de autoavaliação da Comissão Própria de Avaliação, aplicado entre os meses de agosto

Leia mais

RELAÇÕES INTERNACIONAIS. 1- Em relação ao trabalho realizado pela Comissão Própria de Avaliação - CPA, como você avalia:

RELAÇÕES INTERNACIONAIS. 1- Em relação ao trabalho realizado pela Comissão Própria de Avaliação - CPA, como você avalia: RELAÇÕES INTERNACIONAIS Senhor (a) coordenador (a), a seguir estão os dados referentes às respostas obtidas no questionário de autoavaliação da Comissão Própria de Avaliação, aplicado entre os meses de

Leia mais

Questões Gerais Planejamento e Avaliação Institucional

Questões Gerais Planejamento e Avaliação Institucional Como você avalia a gestão ambiental da Instituição? Questões Gerais Planejamento e Avaliação Institucional 4 3,36% 8,53% Boa 28 23,53% 36,91% Como você avalia a divulgação dos resultados da Pesquisa de

Leia mais

Enfermagem. 1- Em relação ao trabalho realizado pela Comissão Própria de Avaliação - CPA, como você avalia:

Enfermagem. 1- Em relação ao trabalho realizado pela Comissão Própria de Avaliação - CPA, como você avalia: Enfermagem Senhor (a) coordenador (a), a seguir estão os dados referentes às respostas obtidas no questionário de autoavaliação da Comissão Própria de Avaliação, aplicado entre os meses de agosto e novembro

Leia mais

Arquitetura e Urbanismo. 1- Em relação ao trabalho realizado pela Comissão Própria de Avaliação - CPA, como você avalia:

Arquitetura e Urbanismo. 1- Em relação ao trabalho realizado pela Comissão Própria de Avaliação - CPA, como você avalia: Arquitetura e Urbanismo Senhor (a) coordenador (a), a seguir estão os dados referentes às respostas obtidas no questionário de autoavaliação da Comissão Própria de Avaliação, aplicado entre os meses de

Leia mais

Associação Brasileira de Mantenedoras de Ensino Superior

Associação Brasileira de Mantenedoras de Ensino Superior Ministério da Educação GABINETE DO MINISTRO PORTARIA Nº 1.382, DE 31 DE OUTUBRO DE 2017 Aprova, em extratos, os indicadores dos Instrumentos de Avaliação Institucional Externa para os atos de credenciamento,

Leia mais

AVALIAÇÃO INSTITUCIONAL DA UNIVERSIDADE DO ESTADO DE SANTA CATARINA

AVALIAÇÃO INSTITUCIONAL DA UNIVERSIDADE DO ESTADO DE SANTA CATARINA COORDENADORIA DE AVALIAÇÃO INSTITUCIONAL COAI COMISSÃO PRÓPRIA DE AVALIAÇÃO CPA AVALIAÇÃO INSTITUCIONAL DA UNIVERSIDADE DO ESTADO DE SANTA CATARINA PARTE I O DISCENTE AVALIA AS AÇÕES DO CURSO Prezado(a)

Leia mais

UNIVERSIDADE DO ESTADO DE MATO GROSSO

UNIVERSIDADE DO ESTADO DE MATO GROSSO UNIVERSIDADE DO ESTADO DE MATO GROSSO PRÓ-REITORIA DE PLANEJAMENTO E DESENVOLVIMENTO INSTITUCIONAL - PRPDI Orientação Geral O Plano de Desenvolvimento Institucional -PDI, elaborado para um período de 5

Leia mais

PORTARIA Nº 300 DE 30 DE JANEIRO DE 2006 (D. O nº 22 Seção I 31/01/2006 Pág. 5 a 7)

PORTARIA Nº 300 DE 30 DE JANEIRO DE 2006 (D. O nº 22 Seção I 31/01/2006 Pág. 5 a 7) PORTARIA Nº 300 DE 30 DE JANEIRO DE 2006 (D. O nº 22 Seção I 31/01/2006 Pág. 5 a 7) Aprova, em extrato, o Instrumento de Avaliação Externa de Instituições de Educação Superior do Sistema Nacional de Avaliação

Leia mais

Como você avalia a atuação do seu orientador em relação ao acompanhamento e orientação do seu projeto de pós-graduação?

Como você avalia a atuação do seu orientador em relação ao acompanhamento e orientação do seu projeto de pós-graduação? Na Unidade Des. sei/ se Pós- Co você avalia a atuação do seu orientador em relação ao acompanhamento e orientação do seu projeto de pós-graduação? 90,06% 6,63% 2,76% 0,55% Possuir currículos interdisciplinares,

Leia mais

Plano de Desenvolvimento Institucional PDI -

Plano de Desenvolvimento Institucional PDI - Plano de Desenvolvimento Institucional PDI - Diretrizes para Elaboração Eixos Temáticos Essenciais do PDI Perfil Institucional Avaliação e Acompanhamento do Desenvolvimento Institucional Gestão Institucional

Leia mais

PROPOSTA DE AUTO-AVALIAÇÃO

PROPOSTA DE AUTO-AVALIAÇÃO PROPOSTA DE AUTO-AVALIAÇÃO Nesta proposta, que se enquadra perfeitamente no objetivo da Autoavaliação que é identificar o perfil e o significado de atuação da UFSJ, por meio de suas atividades, cursos,

Leia mais

ASSOCIAÇÃO EDUCACIONAL DE ENSINO SUPERIOR UNIÃO DAS FACULDADES DOS GRANDES LAGOS RELATÓRIO GERAL RESPOSTA DE ALUNOS DA I.E.S. 1º SEMESTRE DE 2016

ASSOCIAÇÃO EDUCACIONAL DE ENSINO SUPERIOR UNIÃO DAS FACULDADES DOS GRANDES LAGOS RELATÓRIO GERAL RESPOSTA DE ALUNOS DA I.E.S. 1º SEMESTRE DE 2016 ASSOCIAÇÃO EDUCACIONAL DE ENSINO SUPERIOR UNIÃO DAS FACULDADES DOS GRANDES LAGOS RELATÓRIO GERAL RESPOSTA DE ALUNOS DA I.E.S. 1º SEMESTRE DE 2016 1.1 Organização Institucional Q1 Cumprimento da missão

Leia mais

EIXO 2 DIMENSÃO 1 A MISSÃO E O PLANO DE DESENVOLVIMENTO INSTITUCIONAL

EIXO 2 DIMENSÃO 1 A MISSÃO E O PLANO DE DESENVOLVIMENTO INSTITUCIONAL EIXO 1 DIMENSÃO 8 PLANEJAMENTO E AVALIAÇÃO 1 O plano de desenvolvimento do instituto PDI ( http://www.ufopa.edu.br/arquivo/portarias/2015/pdi20122016.pdf/view ) faz referência a todos os processos internos

Leia mais

Campus Sorriso. FORMULÁRIO PARA COLETA DE OPINIÕES DOS DISCENTES Questionário Avaliação Discente CPA SRS 3 semestre Gestão ambiental

Campus Sorriso. FORMULÁRIO PARA COLETA DE OPINIÕES DOS DISCENTES Questionário Avaliação Discente CPA SRS 3 semestre Gestão ambiental Campus Sorriso FORMULÁRIO PARA COLETA DE OPINIÕES DOS DISCENTES Questionário Avaliação Discente CPA SRS 3 semestre Gestão ambiental Esta pesquisa tem por objetivo obter informações sobre as variáveis em

Leia mais

AEMS-ASSOCIAÇÃO DE ENSINO E CULTURA DE MS FACULDADES INTEGRADAS DE TRÊS LAGOAS RELATÓRIO GERAL RESPOSTA DE ALUNOS DA I.E.S. 2º SEMESTRE DE 2015

AEMS-ASSOCIAÇÃO DE ENSINO E CULTURA DE MS FACULDADES INTEGRADAS DE TRÊS LAGOAS RELATÓRIO GERAL RESPOSTA DE ALUNOS DA I.E.S. 2º SEMESTRE DE 2015 AEMS-ASSOCIAÇÃO DE ENSINO E CULTURA DE MS FACULDADES INTEGRADAS DE TRÊS LAGOAS RELATÓRIO GERAL RESPOSTA DE ALUNOS DA I.E.S. 2º SEMESTRE DE 2015 1.1 Organização Institucional Q1 Cumprimento da missão das

Leia mais

APÊNDICE A Questionários Aplicados

APÊNDICE A Questionários Aplicados APÊNDICE A Questionários Aplicados CPA Comissão Própria de Avaliação 60 INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DE SÃO PAULO CAMPUS SERTÃOZINHO COMISSÃO PRÓPRIA DE AVALIAÇÃO CPA AUTOAVALIAÇÃO

Leia mais

Plano de Desenvolvimento Institucional

Plano de Desenvolvimento Institucional data Plano de Desenvolvimento Institucional PDI - 2016-2020 Prof. Esper Cavalheiro Pró-Reitor de Planejamento - PROPLAN Profa. Cíntia Möller Araujo Coordenadora de Desenvolvimento Institucional e Estudos

Leia mais

Avaliação Institucional Docentes

Avaliação Institucional Docentes Avaliação Institucional Docentes A avaliação é um processo fundamental para a qualidade do trabalho desenvolvido nas Instituições de Ensino Superior. Nesse sentido, a Comissão Própria de Avaliação (CPA)

Leia mais

Visualização Completa do Questionários

Visualização Completa do Questionários Visualização Completa do Questionários Informações do Questionário Programa Autoavaliação Institucional UFSM 2016 Questionário Questões Gerais Descrição do Programa A ção do instrumento de autoavaliação

Leia mais

AUTO-AVALIAÇÃO INSTITUCIONAL 2011

AUTO-AVALIAÇÃO INSTITUCIONAL 2011 MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO SECRETARIA DE EDUCAÇÃO PROFISSIONAL E TECNOLÓGICA INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DO RIO GRANDE DO NORTE AUTO-AVALIAÇÃO INSTITUCIONAL 2011 NATAL/RN MARÇO/2012

Leia mais

Plano de Desenvolvimento Institucional PDI Diretrizes para Elaboração

Plano de Desenvolvimento Institucional PDI Diretrizes para Elaboração MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO SECRETARIA DE EDUCAÇÃO SUPERIOR SECRETARIA DE EDUCAÇÃO PROFISSIONAL E TECNOLÓGICA Sistema de Acompanhamento de Processos das Instituições de Ensino Superior SAPIEnS/MEC Plano de

Leia mais

PDI UNIVASF Notas sobre questões legais-normativas e sobre o processo de elaboração

PDI UNIVASF Notas sobre questões legais-normativas e sobre o processo de elaboração UNIVERSIDADE FEDERAL DO VALE DO SÃO FRANCISCO Pró-Reitoria de Planejamento e Desenvolvimento Institucional Propladi Av. José de Sá Maniçoba, s/n, Centro Petrolina-PE - CEP.: 56.304-917 Fone: (87) 2101-6804

Leia mais

Avaliação Institucional Estudantes

Avaliação Institucional Estudantes Avaliação Institucional Estudantes A avaliação é um processo fundamental para a qualidade do trabalho desenvolvido nas Instituições de Ensino. Nesse sentido, a CPA (Comissão Própria de Avaliação) do Instituto

Leia mais

ORIENTAÇÕES PARA ELABORAÇÃO PDI: Documento elaborado pela Equipe de Assessoria da Pró-reitoria de Planejamento da UEMA

ORIENTAÇÕES PARA ELABORAÇÃO PDI: Documento elaborado pela Equipe de Assessoria da Pró-reitoria de Planejamento da UEMA ORIENTAÇÕES PARA ELABORAÇÃO PDI: Documento elaborado pela Equipe de Assessoria da Pró-reitoria de Planejamento da UEMA Agosto de 2015 INTRODUÇÃO O Ministério de Educação (MEC) através do Sistema Nacional

Leia mais

RELATÓRIO GERAL DE RESPOSTAS DA PESQUISA DE AUTOAVALIAÇÃO 2016 GESTOR: MODALIDADE PRESENCIAL

RELATÓRIO GERAL DE RESPOSTAS DA PESQUISA DE AUTOAVALIAÇÃO 2016 GESTOR: MODALIDADE PRESENCIAL UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA PRÓ-REITORIA DE PLANEJAMENTO COORDENADORIA DE PLANEJAMENTO E AVALIAÇÃO INSTITUCIONAL RELATÓRIO GERAL DE RESPOSTAS DA PESQUISA DE AUTOAVALIAÇÃO 2016 GESTOR: MODALIDADE

Leia mais

[1] O Plano de Desenvolvimento Institucional (PDI) da Faculdade 7.56% 3.57% 32.67% 35.81% 20.40%

[1] O Plano de Desenvolvimento Institucional (PDI) da Faculdade 7.56% 3.57% 32.67% 35.81% 20.40% GERAL Save as PDF Dimensão 1.1 - MISSÃO E PLANO DE DESENVOLVIMENTO INSTITUCIONAL (PDI) [1] O Plano de Desenvolvimento Institucional (PDI) da Faculdade 7.56% 3.57% 32.67% 35.81% 20.40% [2] A missão da Instituição

Leia mais

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO SECRETARIA DE EDUCAÇÃO PROFISSIONAL E TECNOLÓGICA INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DO PARÁ

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO SECRETARIA DE EDUCAÇÃO PROFISSIONAL E TECNOLÓGICA INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DO PARÁ 1 MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO SECRETARIA DE EDUCAÇÃO PROFISSIONAL E TECNOLÓGICA INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DO PARÁ RELATÓRIO DE AUTOAVALIAÇÃO DE 2016 DO CAMPUS BELÉM RELATÓRIO PARCIAL

Leia mais

ATUAÇÃO DA CPA. Roteiro. Avaliação do ensino superior. Avaliação do Ensino Superior. Autoavaliação na UFMS

ATUAÇÃO DA CPA. Roteiro. Avaliação do ensino superior. Avaliação do Ensino Superior. Autoavaliação na UFMS ATUAÇÃO DA CPA Avaliação do ensino superior Roteiro Avaliação do Ensino Superior Legislação SINAES Autoavaliação Institucional Dimensões Autoavaliação na UFMS Instrumentos AVALIAÇÃO DO ENSINO SUPERIOR

Leia mais

II FÓRUM CPA Comissão Própria da Avaliação

II FÓRUM CPA Comissão Própria da Avaliação II FÓRUM CPA Comissão Própria da Avaliação 25 de maio de 2016 EIXO 1: PLANEJAMENTO E AVALIAÇÃO INSTITUCIONAL Dimensão 8: Planejamento e avaliação Fragilidades Melhorar as reuniões da CPA e reestruturar

Leia mais

Questionário para auto-avaliação institucional CPA - UFSJ

Questionário para auto-avaliação institucional CPA - UFSJ Questionário para auto-avaliação institucional CPA - UFSJ Para cada pergunta foram apresentadas cinco alternativas, exceto em algumas, com duas alternativas ( sim e não ), as quais estão identificadas

Leia mais

Relatório de Ações referente a avaliação Institucional de 2014

Relatório de Ações referente a avaliação Institucional de 2014 Relatório de Ações referente a avaliação Institucional de 2014 Questões Eixo/ Item EIXO 1 - PLANEJAMENTO E AVALIAÇÃO INSTITUCIONAL Ações desenvolvidas para manter ou melhorar 1.1 Como você avalia a Comissão

Leia mais

INSTRUÇÕES PARA ELABORAÇÃO DE PLANO DE DESENVOLVIMENTO INSTITUCIONAL PDI

INSTRUÇÕES PARA ELABORAÇÃO DE PLANO DE DESENVOLVIMENTO INSTITUCIONAL PDI INSTRUÇÕES PARA ELABORAÇÃO DE PLANO DE DESENVOLVIMENTO INSTITUCIONAL PDI 2011-2015 1. PERFIL INSTITUCIONAL Com base no artigo 16 do Decreto Federal nº 5.773, de 09 de maio de 2006. 1.1 Missão (ASPLAN)

Leia mais

Relatório de histórico de ajustes de metas

Relatório de histórico de ajustes de metas Relatório de histórico de ajustes de metas PERSPECTIVA DO ALUNO Objetivo 01 - Consolidar e fortalecer os cursos presenciais ofertados no IFTM. Meta 3 - Obter nota igual ou superior a 4 em 100% dos cursos

Leia mais

INSTITUTO METODISTA IZABELA HENDRIX

INSTITUTO METODISTA IZABELA HENDRIX INSTITUTO METODISTA IZABELA HENDRIX CENTRO UNIVERSITÁRIO METODISTA IZABELA HENDRIX RELATÓRIO AVALIAÇÃO DO CURSO DE FONOAUDIOLOGIA PERÍODO 2015 TABELA 1 Adesão de docentes e discentes na avaliação 2015

Leia mais

RELATÓRIO GERAL AVALIAÇÃO INSTITUCIONAL 2012

RELATÓRIO GERAL AVALIAÇÃO INSTITUCIONAL 2012 RELATÓRIO GERAL AVALIAÇÃO INSTITUCIONAL 2012 2012 Dados da Instituição FACULDADE DE CIÊNCIAS SOCIAIS APLICADAS DO SUL DE MINAS - FACESM Código: 508 Faculdade privada sem fins lucrativos Estado: Minas Gerais

Leia mais

COMISSÃO DE CONSTRUÇÃO DO PDI (PLANO DE DESENVOLVIMENTO INSTITUCIONAL)

COMISSÃO DE CONSTRUÇÃO DO PDI (PLANO DE DESENVOLVIMENTO INSTITUCIONAL) UNIVERSIDADE FEDERAL DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO UNIRIO PRÓ-REITORIA DE PLANEJAMENTO COMISSÃO DE CONSTRUÇÃO DO PDI (PLANO DE DESENVOLVIMENTO INSTITUCIONAL) RICARDO SILVA CARDOSO PRESIDENTE LOREINE HERMIDA

Leia mais

1.SISTEMA DE CONSULTA DE GRADUADO. INFORMAÇÕES DECLARADAS PELAS IES. CENSO DA EDUCAÇÃO SUPERIOR.

1.SISTEMA DE CONSULTA DE GRADUADO. INFORMAÇÕES DECLARADAS PELAS IES. CENSO DA EDUCAÇÃO SUPERIOR. SIC Nº 06/2014 Belo Horizonte, 04 de fevereiro de 2014. 1.SISTEMA DE CONSULTA DE GRADUADO. INFORMAÇÕES DECLARADAS PELAS IES. CENSO DA EDUCAÇÃO SUPERIOR. PORTARIA Nº 91, DE 31 DE JANEIRO DE 2014. MINISTÉRIO

Leia mais

PESQUISA AVALIATIVA GERAL (GRADUAÇÃO TRADICIONAL E TECNOLÓGICA)

PESQUISA AVALIATIVA GERAL (GRADUAÇÃO TRADICIONAL E TECNOLÓGICA) PESQUISA AVALIATIVA 2013.2 GERAL (GRADUAÇÃO TRADICIONAL E TECNOLÓGICA) 2015 1 GRÃO CHANCELER DOM MURILO SEBASTIÃO RAMOS KRIEGER REITOR PROF. DR. PE. MAURÍCIO DA SILVA FERREIRA PRÓ-REITOR DE GRADUAÇÃO PROF.

Leia mais

Plano de Ação Coordenadoria de Desenvolvimento Ins9tucional

Plano de Ação Coordenadoria de Desenvolvimento Ins9tucional Plano de Ação 2013 Coordenadoria de Desenvolvimento Ins9tucional Áreas estratégicas Ensino Pesquisa Desenvolvimento Ins.tucional Administração Extensão Coordenadoria de Desenvolvimento Ins9tucional DIRETRIZES

Leia mais

APRESENTAÇÃO DOS RESULTADOS DA AVALIAÇÃO INSTITUCIONAL AVALIAÇÃO INSTITUCIONAL

APRESENTAÇÃO DOS RESULTADOS DA AVALIAÇÃO INSTITUCIONAL AVALIAÇÃO INSTITUCIONAL APRESENTAÇÃO DOS RESULTADOS DA AVALIAÇÃO INSTITUCIONAL AVALIAÇÃO INSTITUCIONAL 2009.1 CORPO DOCENTE 2009.1 Auto-avaliação docente - 2009.1 Pontualidade no início e término das aulas 14,29% 28,57% Compatibilidade

Leia mais

UNIVERSIDADE DE RIO VERDE CPA COMISSÃO PRÓPRIA DE AVALIAÇÃO RELATÓRIO DE AUTOAVALIAÇÃO FACULDADE DE ENGENHARIA DE PRODUÇÃO

UNIVERSIDADE DE RIO VERDE CPA COMISSÃO PRÓPRIA DE AVALIAÇÃO RELATÓRIO DE AUTOAVALIAÇÃO FACULDADE DE ENGENHARIA DE PRODUÇÃO UNIVERSIDADE DE RIO VERDE CPA COMISSÃO PRÓPRIA DE AVALIAÇÃO RELATÓRIO DE AUTOAVALIAÇÃO 2011 2012 FACULDADE DE ENGENHARIA DE PRODUÇÃO 1 1 Dimensão 2 - Acadêmico avaliando professor 1 - O professor comparece

Leia mais

FORMULÁRIO: ESTUDANTE

FORMULÁRIO: ESTUDANTE COMISSÃO PRÓPRIA DE AVALIAÇÃO INSTRUMENTO DE AVALIAÇÃO DE CURSO GRADUAÇÃO PRESENCIAL FORMULÁRIO: ESTUDANTE 2016 CURSO EM AVALIAÇÃO: CAMPUS: ( ) Campus Ariquemes ( ) Campus Cacoal ( ) Campus Guajará-Mirim

Leia mais

Anexo1. Situação dos cursos de graduação oferecidos pela UEG-UnUCET. Ano de 2005.

Anexo1. Situação dos cursos de graduação oferecidos pela UEG-UnUCET. Ano de 2005. Anexo1. Situação dos cursos de graduação oferecidos pela UEG-UnUCET. Ano de 2005. Curso Tecnólogo. em Processamento de Dados Autorização para Funcionamento Início do Funcionamento Autorizado pelo Dec.

Leia mais

Plano de Desenvolvimento Institucional

Plano de Desenvolvimento Institucional Plano de Desenvolvimento Institucional Âmbito de atuação Missão Visão Elementos Duráveis Princípios Elementos Mutáveis (periodicamente) Análise Ambiental Objetivos Estratégicos Metas Planos de Ação PDI

Leia mais

Projeto Facipe Carreiras POLÍTICAS ACADÊMICAS

Projeto Facipe Carreiras POLÍTICAS ACADÊMICAS Projeto Facipe Carreiras POLÍTICAS ACADÊMICAS 2 Sumário Introdução... 3 Objetivos do Programa... 3 Objetivo Geral... 4 Objetivos Específicos... 4 Sistematização do Programa... 4 3 Introdução A Faculdade

Leia mais

Dimensão 1 DIDÁTICO-PEDAGÓGICA. 1.1 Gestão Acadêmica 1.2 Projeto do Curso 1.3 Atividades acadêmicas articuladas ao ensino de graduação

Dimensão 1 DIDÁTICO-PEDAGÓGICA. 1.1 Gestão Acadêmica 1.2 Projeto do Curso 1.3 Atividades acadêmicas articuladas ao ensino de graduação Dimensão 1 DIDÁTICO-PEDAGÓGICA CATEGORIAS DE ANÁLISE 1.1 Gestão Acadêmica 1.2 Projeto do Curso 1.3 Atividades acadêmicas articuladas ao ensino de graduação 1.1 GESTÃO ACADÊMICA 1.1.1 Responsabilidade Social

Leia mais

PROGRAMA DE AVALIAÇÃO INSTITUCIONAL PAI 2011 ORGANIZAÇÃO: COMISSÃO PRÓPRIA DE AVALIAÇÃO DA FACULDADE AMADEUS

PROGRAMA DE AVALIAÇÃO INSTITUCIONAL PAI 2011 ORGANIZAÇÃO: COMISSÃO PRÓPRIA DE AVALIAÇÃO DA FACULDADE AMADEUS PROGRAMA DE AVALIAÇÃO INSTITUCIONAL PAI 2011 ORGANIZAÇÃO: COMISSÃO PRÓPRIA DE AVALIAÇÃO DA FACULDADE AMADEUS REPRESENTANTES Presidente: Eduardo de Andrade Gonçalves Vice-presidente: Williams dos Santos

Leia mais

Questões Nota % DE NOTAS 4 e 5

Questões Nota % DE NOTAS 4 e 5 O conhecimento adquirido no curso com relação às suas necessidades profissionais (as suas necessidades profissionais foram atendidas com o conhecimento adquirido? Pontue de 1 a 5) 1 - Um - Fraco - 12 (2.19%)

Leia mais

Dimensão 3: Responsabilidade Social da Instituição de Ensino Superior

Dimensão 3: Responsabilidade Social da Instituição de Ensino Superior 72 73 No que concerne na autoavaliação para o ensino, pesquisa, a pós-graduação e a extensão, os dados apontam a satisfação para as questões da dimensão 2. Com exceção, do nível de formação dos alunos

Leia mais

Comissão Própria de Avaliação - CPA

Comissão Própria de Avaliação - CPA AVALIAÇÃO DO CEFET-RJ PELOS DISCENTES -2013/2 A avaliação das Instituições de Educação Superior tem caráter formativo e visa o aperfeiçoamento dos agentes da comunidade acadêmica e da Instituição como

Leia mais

RELATÓRIO FINAL DA AUTOAVALIAÇÃO INSTITUCIONAL COMISSÃO PRÓPRIA DE AVALIAÇÃO CPA FACTU

RELATÓRIO FINAL DA AUTOAVALIAÇÃO INSTITUCIONAL COMISSÃO PRÓPRIA DE AVALIAÇÃO CPA FACTU RELATÓRIO FINAL DA AUTOAVALIAÇÃO INSTITUCIONAL COMISSÃO PRÓPRIA DE AVALIAÇÃO CPA FACTU Rua Rio Preto, 422 Centro UNAÍ MG CEP: 38.610-000 TELEFAX: (38) 3676 6222. Home Page: e-mail:factu@factu.br INTEGRANTES

Leia mais

EIXO 1 PLANEJAMENTO E AVALIAÇÃO INSTITUCIONAL Dimensão 8: Planejamento e Avaliação Institucional* Título da Ação (o que?

EIXO 1 PLANEJAMENTO E AVALIAÇÃO INSTITUCIONAL Dimensão 8: Planejamento e Avaliação Institucional* Título da Ação (o que? ANEXO 2 PLANO DE AÇÃO COMISSÃO SETORIAL DE AVALIAÇÃO CCSH Questão Geral 1.1 Como você percebe a utilização dos resultados da autoavaliação como subsídio à revisão, proposição e implementação das ações

Leia mais

SINAES SISTEMA NACIONAL DE AVALIAÇÃO DO ENSINO SUPERIOR

SINAES SISTEMA NACIONAL DE AVALIAÇÃO DO ENSINO SUPERIOR SINAES SISTEMA NACIONAL DE AVALIAÇÃO DO ENSINO SUPERIOR Elza Cristina Giostri elza@sociesc.org.br PROGRAMA Apresentação Diagnóstico de conhecimento e necessidades Conceito Geral Elaboração do relatório

Leia mais

AUTOAVALIAÇÃO 2015 INFRAESTRUTURA E SERVIÇOS. Não acessaram. concluíram. Discentes ,3% Docentes ,2%

AUTOAVALIAÇÃO 2015 INFRAESTRUTURA E SERVIÇOS. Não acessaram. concluíram. Discentes ,3% Docentes ,2% AUTOAVALIAÇÃO 205 INFRAESTRUTURA E SERVIÇOS ) PARTICIPAÇÃO Aptos Não Não Concluíram % de acessaram concluíram concluintes 2.050 23 75.852 90,3% 7 7 5 95 8,2% 7 9 3 49 69,0% 2) INFRAESTRUTURA GERAL E SERVIÇOS

Leia mais

Comissão Própria de Avaliação (CPA) Devolutiva do Questionário Aplicado nas turmas de ADS em outubro de 2016

Comissão Própria de Avaliação (CPA) Devolutiva do Questionário Aplicado nas turmas de ADS em outubro de 2016 Comissão Própria de Avaliação (CPA) Devolutiva do Questionário Aplicado nas turmas de ADS em outubro de 6 A CPA tem como principais objetivos: Avaliar o IFSP-CBT e seus cursos Apresentar à direção e coordenação

Leia mais

Condições gerais da Biblioteca de Dianópolis

Condições gerais da Biblioteca de Dianópolis CÂMPUS DIANÓPOLIS UNITINS SUDESTE A avaliação interna da Unitins destacou como principais problemas identificados pelos discentes, docentes e técnicos administrativos, nas instalações físicas da universidade:

Leia mais

Proposta de Questionário de Avaliação Institucional na Percepção dos Técnico- Administrativos

Proposta de Questionário de Avaliação Institucional na Percepção dos Técnico- Administrativos Proposta de Questionário de Avaliação Institucional na Percepção dos Técnico- Administrativos Prezado (a) Senhor (a) Servidor (a) Técnico-Administrativo: A Comissão Própria de Avaliação (CPA/UFSCar) está

Leia mais

Relatório de Pesquisa Interna Avaliação da Instituição pelos discentes

Relatório de Pesquisa Interna Avaliação da Instituição pelos discentes FACULDADE DE CIÊNCIAS MÉDICAS DA PARAIBA COMISSÃO PRÓPRIA DE AVALIAÇÃO Relatório de Pesquisa Interna Avaliação da Instituição pelos discentes 2011.2 João Pessoa 2011 Objetivo: O presente Relatório é parte

Leia mais

Resolução n 225, de 21 de junho R E S O L V E: Art. 1º - Alterar a redação do parágrafo 2º artigo 12 do Regimento Geral da Universidade:

Resolução n 225, de 21 de junho R E S O L V E: Art. 1º - Alterar a redação do parágrafo 2º artigo 12 do Regimento Geral da Universidade: Resolução n 225, de 21 de junho 2016. Aprova emendas ao Regimento Geral da Universidade, cria setores e dá outras providências. O Conselho Universitário CONSUNI, da Universidade do Planalto Catarinense

Leia mais

Período de avaliação: 2015 Ato de designação da CPA: Portaria DG 002/2014

Período de avaliação: 2015 Ato de designação da CPA: Portaria DG 002/2014 Dados da Instituição FACULDADE DE CIÊNCIAS SOCIAIS APLICADAS DO SUL DE MINAS - FACESM Código: 508 Faculdade privada sem fins lucrativos Estado: Minas Gerais Município: Itajubá Composição da CPA Vladas

Leia mais

TEMA ESTRATÉGICO 3: Garantir apoio técnico necessário ao funcionamento pleno das atividades, tanto de graduação quanto de pesquisa.

TEMA ESTRATÉGICO 3: Garantir apoio técnico necessário ao funcionamento pleno das atividades, tanto de graduação quanto de pesquisa. CTC - CENTRO DE TECNOLOGIA E CIÊNCIAS MISSÃO DA UNIDADE: O Centro de Tecnologia e Ciências tem seu objetivo maior consubstanciado nos objetivos gerais de Ensino, Pesquisa e Extensão. No que tange ao objetivo

Leia mais

RELATÓRIO DE AUTOAVALIAÇÃO DE 2016

RELATÓRIO DE AUTOAVALIAÇÃO DE 2016 MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO SECRETARIA DE EDUCAÇÃO PROFISSIONAL E TECNOLÓGICA INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DO PARÁ RELATÓRIO DE AUTOAVALIAÇÃO DE 2016 Comissão Própria de Avaliação CPA

Leia mais

Governo do Estado do Rio Grande do Norte Sistema Integrado para Administração Financeira Ano Base: 2016 Demonstrativo da Proposta da Despesa

Governo do Estado do Rio Grande do Norte Sistema Integrado para Administração Financeira Ano Base: 2016 Demonstrativo da Proposta da Despesa 0100 - PROGRAMA DE GESTÃO, MANUTENÇÃO E SERVIÇOS AO ESTADO 20780 - Preservação do Patrimônio Público Assegurar os recursos orçamentários necessários à cobertura de despesas com a conservação do patrimônio

Leia mais

RELATÓRIO DE AUTOAVALIAÇÃO INSTITUCIONAL DA FACULDADE ANASPS CPA COMISSÃO PRÓPRIA DE AVALIAÇÃO BRASÍLIA MARÇO/2018

RELATÓRIO DE AUTOAVALIAÇÃO INSTITUCIONAL DA FACULDADE ANASPS CPA COMISSÃO PRÓPRIA DE AVALIAÇÃO BRASÍLIA MARÇO/2018 RELATÓRIO DE AUTOAVALIAÇÃO INSTITUCIONAL DA FACULDADE ANASPS 2017 CPA COMISSÃO PRÓPRIA DE AVALIAÇÃO BRASÍLIA MARÇO/2018 INTRODUÇÃO A Faculdade ANASPS (código 16628) foi Credenciada por meio da Portaria

Leia mais

Relatório da CPA (Comissão Própria de Avaliação) da Pesquisa com os Estudantes do Curso Superior de Tecnologia em Marketing na modalidade EaD

Relatório da CPA (Comissão Própria de Avaliação) da Pesquisa com os Estudantes do Curso Superior de Tecnologia em Marketing na modalidade EaD Relatório da CPA (Comissão Própria de Avaliação) da Pesquisa com os Estudantes do Curso Superior de Tecnologia em Marketing na modalidade EaD A presente pesquisa foi realizada em junho de 2016, no Polo

Leia mais

PROGRAMA DE AVALIAÇÃO INSTITUCIONAL DA FADISMA NOVO INSTRUMENTO DA AUTOAVALIAÇÃO

PROGRAMA DE AVALIAÇÃO INSTITUCIONAL DA FADISMA NOVO INSTRUMENTO DA AUTOAVALIAÇÃO PROGRAMA DE AVALIAÇÃO INSTITUCIONAL DA FADISMA NOVO INSTRUMENTO DA AUTOAVALIAÇÃO 1.A AUTOAVALIAÇÃO INSTITUCIONAL O Programa de Autoavaliação Institucional é realizado através dacomissão Permanente de Autoavaliação

Leia mais

FACULDADE ANCHIETA DE ENSINO SUPERIOR DO PARANÁ RELATÓRIO DE AUTOAVALIAÇÃO INSTITUCIONAL 1SEM2017 COMISSÃO PRÓPRIA DE AVALIAÇÃO

FACULDADE ANCHIETA DE ENSINO SUPERIOR DO PARANÁ RELATÓRIO DE AUTOAVALIAÇÃO INSTITUCIONAL 1SEM2017 COMISSÃO PRÓPRIA DE AVALIAÇÃO FACULDADE ANCHIETA DE ENSINO SUPERIOR DO PARANÁ RELATÓRIO DE AUTOAVALIAÇÃO INSTITUCIONAL 1SEM2017 COMISSÃO PRÓPRIA DE AVALIAÇÃO Constituída em atendimento à Lei nº 10.861/2004, regulamentada pela Portaria

Leia mais

INSTRUÇÕES PARA ELABORAÇÃO DE PLANO DE DESENVOLVIMENTO INSTITUCIONAL Artigo 16 do Decreto nº de 09 de maio de 2006

INSTRUÇÕES PARA ELABORAÇÃO DE PLANO DE DESENVOLVIMENTO INSTITUCIONAL Artigo 16 do Decreto nº de 09 de maio de 2006 INSTRUÇÕES PARA ELABORAÇÃO DE PLANO DE DESENVOLVIMENTO INSTITUCIONAL Artigo 16 do Decreto nº 5.773 de 09 de maio de 2006 I Introdução A edição do Decreto n. 5.773, de 9 de maio de 2006, que dispõe sobre

Leia mais

Faculdade de Direito da Alta Paulista Faculdade da Alta Paulista Comissão Própria de Avaliação (CPA)

Faculdade de Direito da Alta Paulista Faculdade da Alta Paulista Comissão Própria de Avaliação (CPA) PLANO DE AUTOAVALIAÇÃO INSTITUCIONAL DA FAP 2016 1. Introdução Desde 2004, a avaliação interna da Instituição Dom Bosco de Ensino e Cultura Ltda. está sob as normas do Sistema Nacional de Avaliação dos

Leia mais

RELATÓRIO DE AUTOAVALIAÇÃO INSTITUCIONAL SATISFAÇÃO DISCENTE

RELATÓRIO DE AUTOAVALIAÇÃO INSTITUCIONAL SATISFAÇÃO DISCENTE RELATÓRIO DE AUTOAVALIAÇÃO INSTITUCIONAL SATISFAÇÃO DISCENTE 2014.1 A presente pesquisa pretendeu verificar quais os atributos que influenciam a lealdade e a propensão à permanência de alunos de cursos

Leia mais

RELATO INSTITUCIONAL

RELATO INSTITUCIONAL FACULDADE IEDUCARE - FIED COMISSÃO PRÓPRIA DE AVALIAÇÃO - CPA RELATO INSTITUCIONAL 2014-2016 Tianguá-CE Março 2016 1 COMISSÃO PRÓPRIA DE AVALIAÇÃO CPA RELATO INSTITUCIONAL 2014-2016 Tianguá-CE Março 2016

Leia mais

Anexo 4. Plano de ação proposta pela CPA UNIVERSIDADE PRESIDENTE ANTÔNIO CARLOS CAMPUS I - BARBACENA PLANO DE AÇÃO RECOMENDADO PELA CPA

Anexo 4. Plano de ação proposta pela CPA UNIVERSIDADE PRESIDENTE ANTÔNIO CARLOS CAMPUS I - BARBACENA PLANO DE AÇÃO RECOMENDADO PELA CPA 1 Anexo 4 Plano de ação proposta pela CPA UNIVERSIDADE PRESIDENTE ANTÔNIO CARLOS CAMPUS I - BARBACENA PLANO DE AÇÃO RECOMENDADO PELA CPA Mantenedora Fundação Presidente Antônio Carlos Mantida Universidade

Leia mais

Relatório Setorial de Autoavaliação

Relatório Setorial de Autoavaliação COMISSÃO PRÓPRIA DE AVALIAÇÃO CPA AUTOAVALIAÇÃO 2011.2 Relatório Setorial de Autoavaliação Síntese das autoavaliações do CURSO DE GESTÃO PÚBLICA Divulgação restrita ao Curso de Gestão Pública Cruz das

Leia mais

Avaliação do Curso de Engenharia Civil da UTFPR Campus Apucarana por seus Docentes.

Avaliação do Curso de Engenharia Civil da UTFPR Campus Apucarana por seus Docentes. Avaliação do Curso de Engenharia Civil da UTFPR Campus Apucarana por seus Docentes. AVALIAÇÃO DOCENTE DO CURSO DE ENGENHARIA CIVIL O processo de autoavaliação do Curso de Engenharia Civil constitui-se

Leia mais

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO SECRETARIA DE EDUCAÇÃO PROFISSIONAL E TECNOLÓGICA INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DO RIO GRANDE DO NORTE

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO SECRETARIA DE EDUCAÇÃO PROFISSIONAL E TECNOLÓGICA INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DO RIO GRANDE DO NORTE MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO SECRETARIA DE EDUCAÇÃO PROFISSIONAL E TECNOLÓGICA INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DO RIO GRANDE DO NORTE AUTO-AVALIAÇÃO INSTITUCIONAL 2012 NATAL/RN MARÇO/2013

Leia mais

Composição da CPA. Representante Corpo discente. Shirgley Rebouças Menezes. Representante Corpo Egressos

Composição da CPA. Representante Corpo discente. Shirgley Rebouças Menezes. Representante Corpo Egressos 2017 CPA o que é Prevista no art.11 da Lei do Sinaes; Tem como atribuição a coordenação dos processos internos de avaliação da instituição. É organizada em um ciclo avaliativo de 3 anos ao final do qual

Leia mais

PANORAMA DOS PROCESSOS AVALIATIVOS DA EDUCAÇÃO SUPERIOR NO CONTEXTO DA INSTITUIÇÃO E DOS CURSOS

PANORAMA DOS PROCESSOS AVALIATIVOS DA EDUCAÇÃO SUPERIOR NO CONTEXTO DA INSTITUIÇÃO E DOS CURSOS PANORAMA DOS PROCESSOS AVALIATIVOS DA EDUCAÇÃO SUPERIOR NO CONTEXTO DA INSTITUIÇÃO E DOS CURSOS ENCONTRO ESTADUAL DE COORDENADORES E PROFESSORES Profª Drª Suzana Cabral Gianotti Pesquisadora na área da

Leia mais

INSTRUMENTO DE AVALIAÇÃO INSTITUCIONAL EXTERNA

INSTRUMENTO DE AVALIAÇÃO INSTITUCIONAL EXTERNA MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO Comissão Nacional de Avaliação da Educação Superior - CONAES Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira INEP SISTEMA NACIONAL DE AVALIAÇÃO DA EDUCAÇÃO

Leia mais

2. Formação Acadêmica. 3. Quais motivos levaram você a escolher as Faculdades INTA como local de trabalho? Mestrado (em andamento): 20 %

2. Formação Acadêmica. 3. Quais motivos levaram você a escolher as Faculdades INTA como local de trabalho? Mestrado (em andamento): 20 % 2. Formação Acadêmica Mestrado (em andamento): 20 % Doutorado (Concluído): 40 % Mestrado (Concluído): 26.6 % Doutorado (em andamento): 13.3 % 3. Quais motivos levaram você a escolher as Faculdades INTA

Leia mais

AUTOAVALIAÇÃO INSTITUCIONAL

AUTOAVALIAÇÃO INSTITUCIONAL FACULDADE GOVERNADOR OZANAM COELHO AUTOAVALIAÇÃO INSTITUCIONAL 2016.1 Prof. João Paulo Ciribeli Coordenador da CPA Ubá Minas Gerais 2016 i SUMÁRIO AVALIAÇÃO GERAL... 1 1. AVALIAÇÃO DA ESTRUTURA FÍSICA...

Leia mais

AVALIAÇÃO EXTERNA DE INSTITUIÇÕES DE ENSINO SUPERIOR Instrumento

AVALIAÇÃO EXTERNA DE INSTITUIÇÕES DE ENSINO SUPERIOR Instrumento MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO SISTEMA NACIONAL DE AVALIAÇÃO DA EDUCAÇÃO SUPERIOR SINAES Comissão Nacional de Avaliação da Educação Superior - CONAES Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio

Leia mais

Questionário para auto avaliação institucional CPA FCE

Questionário para auto avaliação institucional CPA FCE Questionário para auto avaliação institucional CPA FCE A CPA agradece sua participação no processo de auto avaliação Institucional e informa que serão respeitados os princípios de confidencialidade de

Leia mais

RELATÓRIO PARCIAL DE AUTOAVALIAÇÃO INSTITUCIONAL- CAL/2009

RELATÓRIO PARCIAL DE AUTOAVALIAÇÃO INSTITUCIONAL- CAL/2009 UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA CENTRO DE ARTES E LETRAS RELATÓRIO PARCIAL DE AUTOAVALIAÇÃO INSTITUCIONAL- CAL/2009 SUBCOMISSÃO DE AVALIAÇÃO INSTITUCIONAL CAL Santa Maria, Janeiro de 2010 1 UNIVERSIDADE

Leia mais

RELATÓRIO FINAL DE AVALIAÇÃO

RELATÓRIO FINAL DE AVALIAÇÃO Página 1 de 19 RELATÓRIO FINAL DE AVALIAÇÃO BACHARELADO EM ENFERMAGEM - SÃO CARLOS INDICADORES - VISÃO DISCENTES Quadro 1: Classificação dos indicadores para o curso. INDICADOR CURSO CAMPUS SÃO CARLOS

Leia mais

Comissão. Própria de Avaliação Relatório Ano-Base 2016

Comissão. Própria de Avaliação Relatório Ano-Base 2016 Comissão INSTITUTO FEDERAL Farroupilha Própria de Avaliação Relatório Ano-Base 2016 Núcleo São Borja Anelise Silva Cruz Deise Busnelo Prestes Roos Éderson Tavares dos Santos Renilza Carneiro Disconci Sabrina

Leia mais

CENTRO UNIVERSITÁRIO DE JOÃO PESSOA - UNIPÊ

CENTRO UNIVERSITÁRIO DE JOÃO PESSOA - UNIPÊ CENTRO UNIVERSITÁRIO DE JOÃO PESSOA - UNIPÊ Reitora: Ana Flávia Pereira da Fonseca Pró-Reitoria Acadêmica: Mariana Brito Pró-Reitoria Administrativa-Financeira: Alzira Matos de Avaliação Institucional:

Leia mais

RELATÓRIO DE AUTOAVALIAÇÃO INSTITUCIONAL DO CURSO SUPERIOR DE TECNOLOGIA EM GESTÃO FINANCEIRA DO IFMG CAMPUS FORMIGA REFERÊNCIA ANO 2016

RELATÓRIO DE AUTOAVALIAÇÃO INSTITUCIONAL DO CURSO SUPERIOR DE TECNOLOGIA EM GESTÃO FINANCEIRA DO IFMG CAMPUS FORMIGA REFERÊNCIA ANO 2016 MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO SECRETARIA DE EDUCAÇÃO PROFISSIONAL E TECNOLÓGICA INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DE MINAS GERAIS CAMPUS FORMIGA COMISSÃO PRÓPRIA LOCAL DE AUTOAVALIAÇÃO Rua São

Leia mais

Diagnóstico das Necessidades de Infraestrutura dos Cursos de Graduação

Diagnóstico das Necessidades de Infraestrutura dos Cursos de Graduação Universidade Federal do Ceará Pró-Reitoria de Graduação Coordenadoria de Planejamento e Avaliação de Programas e Ações Acadêmicas Divisão de Avaliação de Programas e Ações Acadêmicas Diagnóstico das Necessidades

Leia mais

Realidade e perspectivas do ENADE

Realidade e perspectivas do ENADE Avaliação de cursos de Graduação em Ciência Contábeis: Realidade e perspectivas do ENADE Profa. Dra. Marion Creutzberg Coordenadora da Comissão Própria de Avaliação (CPA/PUCRS) Tópicos Coordenador x avaliação

Leia mais

DE AVALIAÇÃO INSTITUCIONAL EXTERNA

DE AVALIAÇÃO INSTITUCIONAL EXTERNA MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO Sistema Nacional de Avaliação da Educação Superior - Sinaes Comissão Nacional de Avaliação da Educação Superior - Conaes Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio

Leia mais

PESQUISA CPA Curso de Serviço Social

PESQUISA CPA Curso de Serviço Social PESQUISA CPA Curso de Serviço Social Perfil socioeconômico do Aluno Trabalha e Estuda Trabalha Sim Não 88,9% Estado Civil Trabalha Solteiro Casado 93,8% II Quanto ao Curso Conhecimento da matriz Curricular

Leia mais

RELATÓRIO DE AUTOAVALIAÇÃO INSTITUCIONAL DO CURSO DE BACHARELADO EM CIÊNCIA DA COMPUTAÇÃO DO IFMG CAMPUS FORMIGA REFERÊNCIA ANO 2016

RELATÓRIO DE AUTOAVALIAÇÃO INSTITUCIONAL DO CURSO DE BACHARELADO EM CIÊNCIA DA COMPUTAÇÃO DO IFMG CAMPUS FORMIGA REFERÊNCIA ANO 2016 MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO SECRETARIA DE EDUCAÇÃO PROFISSIONAL E TECNOLÓGICA INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DE MINAS GERAIS CAMPUS FORMIGA COMISSÃO PRÓPRIA LOCAL DE AUTOAVALIAÇÃO Rua São

Leia mais

QUESTIONÁRIO DE AVALIAÇÃO INSTITUCIONAL a ser aplicado em 2017/1º FUNCIONÁRIOS

QUESTIONÁRIO DE AVALIAÇÃO INSTITUCIONAL a ser aplicado em 2017/1º FUNCIONÁRIOS QUESTIONÁRIO DE AVALIAÇÃO INSTITUCIONAL a ser aplicado em 2017/1º FUNCIONÁRIOS MISSÃO E PDI 1. Avalie em que medida a atuação da PUC Minas tem correspondido aos fins listados a seguir. Considere 1 para

Leia mais

RELATÓRIO DA AUTO AVALIAÇÃO CICLO 8

RELATÓRIO DA AUTO AVALIAÇÃO CICLO 8 Instituto Paulista de Ensino FIPEN CPA - Comissão Própria de Avaliação RELATÓRIO DA AUTO AVALIAÇÃO CICLO 8 Dezembro/2014 SUMÁRIO INTRODUÇÃO... 4 A O PROCESSO DE AUTO AVALIACÃO... 6 B - DIMENSÕES... 7 1.

Leia mais

PLANO DE DESENVOLVIMENTO INSTITUCIONAL (PDI) ALINHAMENTO INICIAL Instituto Federal de Rondônia (IFRO) STEINBEIS-SIBE do Brasil

PLANO DE DESENVOLVIMENTO INSTITUCIONAL (PDI) ALINHAMENTO INICIAL Instituto Federal de Rondônia (IFRO) STEINBEIS-SIBE do Brasil PLANO DE DESENVOLVIMENTO INSTITUCIONAL (PDI) ALINHAMENTO INICIAL Instituto Federal de Rondônia (IFRO) STEINBEIS-SIBE do Brasil Objetivo Objetivo: Apresentação da proposta de elaboração/revisão do Plano

Leia mais

FATEP Faculdade Pentágono

FATEP Faculdade Pentágono mantida pelo Instituto Pentágono de Ensino Superior. RELATÓRIO AUTO-AVALIAÇÃO 2012 I. DADOS DA INSTITUIÇÃO Nome/ Código da IES - Faculdade Tecnologia Pentágono - 3978 Caracterização da IES: Particular,

Leia mais