Programa de Fortalecimento das Cadeias e Arranjos Produtivos Locais - APLs

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Programa de Fortalecimento das Cadeias e Arranjos Produtivos Locais - APLs"

Transcrição

1 Programa de Fortalecimento das Cadeias e Arranjos Produtivos Locais - APLs

2 1) Quanto à aquisição de equipamentos para apoio à infraestrutura da governança, podem os mesmos serem adquiridos via internet (sites de compra)? Se sim, como ficam as cotações de preços (3 orçamentos)? Como se documenta e se registra cotações de preços de sites da internet? Sim, é possível. Os 3 orçamentos podem ser levantados e impressos em cada site consultado, para um mesmo produto, de mesma especificação, onde constem data da consulta, dados da empresa ofertante, especificações detalhadas do produto, disponibilidade, valores, condições de pagamento, prazos e forma de entrega, outras informações necessárias.

3 2) Uma vez que o desembolso do valor ocorre no início do convênio, presume-se que após a prestação de contas dos valores gastos (final do convênio), haja o aceite da AGDI ou a glosa do valor, havendo um prazo para a devolução do recurso ou sua justificativa. Caso haja esta glosa, as entidades terão tempo hábil para fazer os ajustes necessários para adequar a prestação de contas e evitar a devolução do recurso gasto? Neste caso, qual prazo será concedido? Caso ocorram valores glosados, cuja justificativa ou complementação de informações não seja aceita por não estar prevista no Plano de Trabalho ou não atender aos objetivos do convênio, haverá fixação de prazo não superior a 30 dias para o atendimento da diligência. Art. 13, $ 6º da IN nº 01/06 CAGE.

4 Realização de Convênios 3) No caso de deslocamentos de táxi, pode ser utilizado o convênio já existente entre empresa de táxi e a entidade (através de voucher)? Se sim, como pode ser efetuada a prestação de contas? O deslocamento pode ser feito com a utilização de voucher, porém para a comprovação de contas solicitar ao taxista um recibo em nome da entidade convenente, contendo nº placa e prefixo do veículo, trajeto, motivo, valor, data e assinatura, sem rasuras. 4) No plano de trabalho está estipulado um número de horas referentes a horas técnicas. Como se dará a comprovação das horas técnicas de pessoal próprio da entidade (ABINEE), além do executivo, assessor, auxiliar, etc. Nesse caso, pode ser utilizado a cópia da folha de pagamento, destacando os técnicos, assessores, etc., disponibilizados pela entidade ao convênio e o documento comprobatório do reembolso dos valores referentes às horas técnicas.

5 5) Quais ações serão aceitas e como se dará a prestação de contas para a rubrica de Divulgação e Comunicação, estabelecida no plano de trabalho? É vedada a realização de despesas com publicidade (mídia em TV, rádio, jornais), bem como é vedado constar nomes, símbolos ou imagens que caracterizem promoção pessoal de autoridade pública ou servidores públicos e também pessoal do conveniado, conforme Cláusula das Vedações, constantes no termo de convênio. Poderão ser realizadas despesas conforme o previsto em plano de trabalho, a exemplo de folders de eventos, divulgação para as empresas envolvidas no APL, desde observadas as vedações. 6) Salas próprias (ou cedidas) podem ser apresentadas como contrapartida para a rubrica de Eventos de Promoção? Se sim, como se dá o cálculo do valor, para apresentação na prestação de contas? Sim, as despesas com a realização de eventos podem ser apresentadas na contrapartida. Apresentar orçamento com o valor de mercado para a locação do espaço referido.

6 7) Despesas como hospedagem e refeições podem ser apresentadas como contrapartida? Da mesma forma da questão anterior, pode ser apresentado como contrapartida, de acordo com o previsto no Plano de Trabalho. Caso não conste essa previsão e a entidade queira substituir itens da contrapartida, basta solicitar à área técnica que avaliará a correspondência ao objeto. O acréscimo pode ser aceito sem qualquer problema. 8) Como deverá ser informado/justificado despesas de deslocamento com veículo próprio (km rodado)? Através do Relatório de Km rodado, constante no Manual de Prestações de Contas para Convênios. Caso no Plano de trabalho não estejam contempladas despesas através de km rodado, e haja necessidade, basta solicitar à área técnica a autorização para essa forma de deslocamento.

7 9) Como podem ser apresentados e declarados os comprovantes de pedágio, onde são fornecidos apenas tickets, ao invés de nota fiscal? Apresentar o próprio ticket do pedágio, visto que nele consta a placa do veículo, data e valor. 10) Todas as notas fiscais apresentadas referentes ao convênio devem sair em nome da entidade conveniada (ABINEE)? Caso alguma nota fiscal seja emitida (equivocadamente), em nome do executivo a serviço da entidade, qual o procedimento a ser adotado? Não poderá ser aceita a nota fiscal emitida em nome diverso da entidade convenente, de acordo com o Art. 12, Inciso XVIII, 3º, da IN CAGE 01/2006. Para erros que não sejam da essência do documento fiscal, deverá ser solicitada a Carta de Correção à empresa/fornecedor.

8 11) No módulo 1 do curso, não ficou clara a questão de que as notas fiscais deverão receber carimbo com duas assinaturas (pagador e recebedor). Quem são pagador e recebedor e quando cada um assume este papel? O atesto do recebimento de materiais ou serviço deve ser dado através de um carimbo de recebimento com data e assinatura de dois empregados, sendo o empregado recebedor e o coordenador/responsável pela execução do convênio.

Programa de Fortalecimento das Cadeias e Arranjos Produtivos Locais - APLs

Programa de Fortalecimento das Cadeias e Arranjos Produtivos Locais - APLs Programa de Fortalecimento das Cadeias e Arranjos Produtivos Locais - APLs Realização de Convênios Convênios São acordos firmados por entidades públicas, ou entre estas e organizações particulares para

Leia mais

ORIENTAÇÕES AO PESQUISADOR MANUAL PARA USO DOS RECURSOS FINANCEIROS

ORIENTAÇÕES AO PESQUISADOR MANUAL PARA USO DOS RECURSOS FINANCEIROS ORIENTAÇÕES AO PESQUISADOR MANUAL PARA USO DOS RECURSOS FINANCEIROS 1 AUXÍLIO FINANCEIRO AO PESQUISADOR Este guia tem como objetivo orientar os coordenadores dos projetos de pesquisa sobre os requisitos

Leia mais

Instrução Normativa Proppi nº 01 de 04 de abril de 2017.

Instrução Normativa Proppi nº 01 de 04 de abril de 2017. Instrução Normativa Proppi nº 01 de 04 de abril de 2017. Regulamenta o Programa de Auxílio à Apresentação de Trabalhos em Eventos Científicos e de Inovação, no país e no exterior, por SERVIDORES EFETIVOS

Leia mais

Auxílio financeiro a pesquisadores. Aplicação do auxílio financeiro. Atenção! Efetuar despesas dentro do período de vigência constante no Edital;

Auxílio financeiro a pesquisadores. Aplicação do auxílio financeiro. Atenção! Efetuar despesas dentro do período de vigência constante no Edital; Auxílio financeiro a pesquisadores Este guia tem como objetivo orientar os(as) coordenadores(as) dos projetos de pesquisa sobre os requisitos e normas para aplicação de recursos na rubrica de Auxílio Financeiro

Leia mais

PROJETO DE RESOLUÇÃO Nº 04 DE 26 DE ABRIL DE A Câmara Municipal de Guaíra resolve:

PROJETO DE RESOLUÇÃO Nº 04 DE 26 DE ABRIL DE A Câmara Municipal de Guaíra resolve: PROJETO DE RESOLUÇÃO Nº 04 DE 26 DE ABRIL DE 2016 Regulamenta a prestação de contas de adiantamentos para as despesas com viagens dos vereadores e servidores; e dá outras providências. A Câmara Municipal

Leia mais

Processo de Viagem GENS Manual do Colaborador Versão 1.5

Processo de Viagem GENS Manual do Colaborador Versão 1.5 - 1 - Processo de Viagem GENS Manual do Colaborador Versão 1.5 - 2 - SUMÁRIO 1. Apresentação - 3-1.1 Objetivos - 3-1.1.1 Objetivo da definição do Processo de Viagem - 3-1.1.2 Objetivo deste Manual - 3-2.

Leia mais

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL CONSELHO REGIONAL DE MEDICINA VETERINÁRIA DO ESTADO DE SANTA CATARINA - CRMV-SC

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL CONSELHO REGIONAL DE MEDICINA VETERINÁRIA DO ESTADO DE SANTA CATARINA - CRMV-SC RESOLUÇÃO CRMV/SC Nº 045, DE 22 DE AGOSTO DE 2007 O Conselho Regional de Medicina Veterinária do Estado de Santa Catarina (CRMV-SC), no uso da atribuição que lhe confere as letras j e "r" do artigo 4,

Leia mais

LOGOMARCA DA ENTIDADE DE CLASSE ANEXO VII FORMULÁRIO DE PROJETO

LOGOMARCA DA ENTIDADE DE CLASSE ANEXO VII FORMULÁRIO DE PROJETO ANEXO VII FORMULÁRIO DE PROJETO TÍTULO DO PROJETO PERÍODO DO PROJETO PROGRAMAS E VALOR A LIBERAR I) Valorização Profissional % II) Aperfeiçoamento Profissional % III) Valorização Profissional % Aperfeiçoamento

Leia mais

REGULAMENTO DE APOIO À PARTICIPAÇÃO EM EVENTOS CIENTÍFICOS TÍTULO I DA NATUREZA E DA FINALIDADE

REGULAMENTO DE APOIO À PARTICIPAÇÃO EM EVENTOS CIENTÍFICOS TÍTULO I DA NATUREZA E DA FINALIDADE REGULAMENTO DE APOIO À PARTICIPAÇÃO EM EVENTOS CIENTÍFICOS TÍTULO I DA NATUREZA E DA FINALIDADE Art. 1º Este regulamento estabelece critérios e procedimentos referentes à concessão de apoio institucional

Leia mais

Instrução Normativa Proppi Nº 02 de 04 de abril de 2017.

Instrução Normativa Proppi Nº 02 de 04 de abril de 2017. Instrução Normativa Proppi Nº 02 de 04 de abril de 2017. Regulamenta o Programa de Auxílio à Apresentação de Trabalhos em Eventos Científicos e de Inovação, no país e no exterior, por DISCENTES do Instituto

Leia mais

RESOLUÇÃO Nº 666, DE 10 DE AGOSTO DE 2000

RESOLUÇÃO Nº 666, DE 10 DE AGOSTO DE 2000 Módulo VII - Administração e Finanças Res. 666/00 RESOLUÇÃO Nº 666, DE 10 DE AGOSTO DE 2000 Disciplina o pagamento de diárias no âmbito da Autarquia, e dá outras providências. O CONSELHO FEDERAL DE MEDICINA

Leia mais

REGULAMENTO PARA AUXILIO FINANCEIRO AO PESQUISADOR/EXTENSIONISTA

REGULAMENTO PARA AUXILIO FINANCEIRO AO PESQUISADOR/EXTENSIONISTA REGULAMENTO PARA AUXILIO FINANCEIRO AO PESQUISADOR/EXTENSIONISTA Dispõe sobre os requisitos e normas para aplicação de recursos na rubrica de Auxílio Financeiro a Pesquisadores visando à execução dos editais

Leia mais

REGRAS PARA UTILIZAÇÃO DO CARTÃO DE PAGAMENTO DO GOVERNO FEDERAL CPGF

REGRAS PARA UTILIZAÇÃO DO CARTÃO DE PAGAMENTO DO GOVERNO FEDERAL CPGF REGRAS PARA UTILIZAÇÃO DO CARTÃO DE PAGAMENTO DO GOVERNO FEDERAL CPGF 1. INTRODUÇÃO O suprimento de fundos consiste na entrega de numerário a servidor previamente designado e tem como finalidade atender

Leia mais

1. Acesso ao Agilis Elaborar Prestação de contas Inclusão do Material Permanente Inclusão do Material de Consumo...

1. Acesso ao Agilis Elaborar Prestação de contas Inclusão do Material Permanente Inclusão do Material de Consumo... TUTORIAL PRESTAÇÃO DE CONTAS DOCENTES SUMÁRIO 1. Acesso ao Agilis...2 2. Elaborar Prestação de contas...3 3. Inclusão do Material Permanente...5 4. Inclusão do Material de Consumo...7 5. Inclusão de Serviços

Leia mais

EDITAL Nº 04/ PPGE

EDITAL Nº 04/ PPGE EDITAL Nº 04/2017 - PPGE PARTICIPAÇÃO DOCENTE EM EVENTOS CIENTÍFICOS/VISITA TÉCNICA O Programa de Pós-Graduação em Economia (PPGE), da Universidade Federal de Juiz de Fora, torna pública a abertura das

Leia mais

COTAÇÃO DE PREÇO nº 004/2014

COTAÇÃO DE PREÇO nº 004/2014 Recebido em: / / Assinatura e Carimbo COTAÇÃO DE PREÇO nº 004/2014 A Associação das Cooperativas de Apoio a Economia Familiar (ASCOOB) Entidade Privada Sem Fins Lucrativos, inscrita no, torna público para

Leia mais

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL CONSELHO REGIONAL DE ENGENHARIA E AGRONOMIA DO ESTADO DE SÃO PAULO CREA-SP

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL CONSELHO REGIONAL DE ENGENHARIA E AGRONOMIA DO ESTADO DE SÃO PAULO CREA-SP Instrução nº 2556 /2013 Dispõe sobre o ressarcimento de diárias e transporte aos Senhores Conselheiros, Inspetores, Componentes de Grupos de Trabalho e Fóruns, instituídos pelo Plenário do Crea-SP, formalmente

Leia mais

MANUAL DE PRESTAÇÃO DE CONTAS

MANUAL DE PRESTAÇÃO DE CONTAS MANUAL DE PRESTAÇÃO DE CONTAS Edital de Seleção de Projetos que farão parte da Programação Cultural alusiva à Semana Santa. MANUAL DE PRESTAÇÃO DE CONTAS Edital de Seleção Projetos que farão parte da Programação

Leia mais

DELIBERAÇÃO CEIVAP Nº 206/2013 DE 28 DE AGOSTO DE 2013.

DELIBERAÇÃO CEIVAP Nº 206/2013 DE 28 DE AGOSTO DE 2013. DELIBERAÇÃO CEIVAP Nº 206/2013 DE 28 DE AGOSTO DE 2013. Dispõe sobre a revisão dos valores de ajuda de custo pagos aos membros do Comitê que venham a representálo oficialmente em outros Fóruns, e aos membros

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DE CARMO DA CACHOEIRA ESTADO DE MINAS GERAIS GABINETE DO PREFEITO

PREFEITURA MUNICIPAL DE CARMO DA CACHOEIRA ESTADO DE MINAS GERAIS GABINETE DO PREFEITO 1 Projeto de Lei n.º 68, de 03 de março de 2010. Dispõe sobre concessão de diárias dos servidores do poder executivo, membros dos conselhos municipais e tutelar, membros do Controle interno, prefeito e

Leia mais

CONSIDERANDO que o atual cenário econômico e orçamentário do Estado de Mato Grosso exige a adequação das contas públicas;

CONSIDERANDO que o atual cenário econômico e orçamentário do Estado de Mato Grosso exige a adequação das contas públicas; Diário Oficial Número: 26862 Data: 15/09/2016 Título: DECRETO 694 16 Categoria:» PODER EXECUTIVO» DECRETO Link permanente: https://www.iomat.mt.gov.br/portal/visualizacoes/html/14625/#e:14625/#m:865383

Leia mais

Resolução SESCOOP/RS N. 08, de 08 de Fevereiro de Os membros do Conselho Administrativo do SESCOOP/RS,

Resolução SESCOOP/RS N. 08, de 08 de Fevereiro de Os membros do Conselho Administrativo do SESCOOP/RS, Resolução SESCOOP/RS N. 08, de 08 de Fevereiro de 2007. Aprova o Regulamento para concessão de Bolsas de Estudo. Os membros do Conselho Administrativo do SESCOOP/RS, CONSIDERANDO a necessidade de promover

Leia mais

EDITAL 03/2014 EDITAL DE CONCESSÃO DO AUXÍLIO EVENTOS

EDITAL 03/2014 EDITAL DE CONCESSÃO DO AUXÍLIO EVENTOS EDITAL 03/2014 EDITAL DE CONCESSÃO DO AUXÍLIO EVENTOS A Universidade Federal do Sul da Bahia (UFSB), por meio da Pró-Reitoria de Sustentabilidade e Integração Social (PROSIS) torna público o presente EDITAL

Leia mais

PROGRAMA DE EXTENSÃO UNIVERSITÁRIA PROEXT 2013 MEC/SESu

PROGRAMA DE EXTENSÃO UNIVERSITÁRIA PROEXT 2013 MEC/SESu PROGRAMA DE EXTENSÃO UNIVERSITÁRIA PROEXT 2013 MEC/SESu SUMÁRIO 1. Introdução... 3 2. Contratação de Serviços de Terceiros, Pessoa Física ou Jurídica... 3 3. Compra de Material de Consumo ou Permanente...

Leia mais

3º EDITAL SANTANDER/USP/FUSP DE Direitos Fundamentais e Políticas Públicas PRÓ-REITORIA DE CULTURA E EXTENSÃO UNIVERSITÁRIA

3º EDITAL SANTANDER/USP/FUSP DE Direitos Fundamentais e Políticas Públicas PRÓ-REITORIA DE CULTURA E EXTENSÃO UNIVERSITÁRIA 3º EDITAL SANTANDER/USP/FUSP DE Direitos Fundamentais e Políticas Públicas PRÓ-REITORIA DE CULTURA E EXTENSÃO UNIVERSITÁRIA 1. OBJETIVO 1.1. O objetivo do presente edital é apoiar financeiramente projetos

Leia mais

Orientações para solicitação de Diárias e Passagens

Orientações para solicitação de Diárias e Passagens Orientações para solicitação de Diárias e Passagens 1 ORIENTAÇÕES PARA SOLICITAÇÃO DE DIÁRIAS A Requisição de Diárias pressupõe o atendimento ao Decreto n 343 de 19 de novembro de 1991, que apresenta em

Leia mais

PORTARIA Nº 002 DE 23 DE FEVEREIRO DE 2015.

PORTARIA Nº 002 DE 23 DE FEVEREIRO DE 2015. PORTARIA Nº 002 DE 23 DE FEVEREIRO DE 2015. Institui o Regulamento de Visitas Técnicas no âmbito do IFMG Câmpus Santa Luzia. O DIRETOR GERAL PRO TEMPORE DO DO INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA

Leia mais

SECRETARIA DE DESENVOLVIMENTO SOCIAL E DIREITOS HUMANOS NÚCLEO DE PRESTAÇÃO DE CONTAS

SECRETARIA DE DESENVOLVIMENTO SOCIAL E DIREITOS HUMANOS NÚCLEO DE PRESTAÇÃO DE CONTAS ORIENTAÇÕES BÁSICAS PARA APRESTAÇÃO DA PRESTAÇÃO DE CONTAS CONVÊNIO TODOS COM A NOTA 1. Ofício de encaminhamento da Prestação de Contas à Secretária Estadual de Desenvolvimento Social e Direitos Humanos.

Leia mais

CONSELHO REGIONAL DE ADMINISTRAÇÃO DO RIO DE JANEIRO CRA/RJ RESOLUÇÃO NORMATIVA CRA/RJ Nº 261, DE 23 DE JANEIRO DE 2015.

CONSELHO REGIONAL DE ADMINISTRAÇÃO DO RIO DE JANEIRO CRA/RJ RESOLUÇÃO NORMATIVA CRA/RJ Nº 261, DE 23 DE JANEIRO DE 2015. RESOLUÇÃO NORMATIVA CRA/RJ Nº 261, DE 23 DE JANEIRO DE 2015. Dispõe sobre o pagamento de diárias regionais para atendimento de despesas de conselheiros, empregados e de colaboradores do CRA/RJ e dá outras

Leia mais

INSTRUÇÃO NORMATIVA - CBAt nº 02 / março / 2015

INSTRUÇÃO NORMATIVA - CBAt nº 02 / março / 2015 INSTRUÇÃO NORMATIVA - CBAt nº 02 / março / 2015 Disciplina a realização e apresentação da prestação de contas das federações e entidades contempladas pelo repasse de verba do Programa Caixa de Apoio às

Leia mais

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DO RIO GRANDE DO SUL CAMPUS RIO GRANDE

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DO RIO GRANDE DO SUL CAMPUS RIO GRANDE EDITAL 018/2016 - RG IFRS PROGRAMA DE APOIO À APRESENTAÇÃO DE TRABALHOS EM EVENTOS CIENTÍFICOS NO ÂMBITO DA PESQUISA E INOVAÇÃO 2ª CHAMADA- SERVIDORES EFETIVOS O Diretor Geral do Instituto Federal de Eduação,

Leia mais

PORTARIA N. 1/2016. Art. 3º A diária de viagem será paga em pecúnia e terá caráter indenizatório.

PORTARIA N. 1/2016. Art. 3º A diária de viagem será paga em pecúnia e terá caráter indenizatório. PORTARIA N. 1/2016 Dispõe sobre os procedimentos e requisitos para a concessão de diárias e aquisição de passagens no âmbito do Instituto Rui Barbosa IRB e dá outras providências. O Presidente do Instituto

Leia mais

POLÍTICA DE REEMBOLSO SUMÁRIO

POLÍTICA DE REEMBOLSO SUMÁRIO POLÍTICA DE REEMBOLSO SUMÁRIO 01. OBJETIVO... 2 02. AMPLITUDE... 2 03. DIRETRIZES... 2 04. ADIANTAMENTOS... 2 05. PRESTAÇÃO DE CONTAS... 3 06. REFEIÇÕES... 4 07. DESPESAS INTERNACIONAIS... 6 08. CORREIOS

Leia mais

Regras e orientações da prestação de contas

Regras e orientações da prestação de contas Regras e orientações da prestação de contas Veja aqui como apresentar corretamente a prestação de contas dos recursos recebidos do programa Comunidade, presente! Como utilizar os recursos recebidos A organização

Leia mais

Estado do Rio Grande do Sul Prefeitura Municipal de Jari Terra de lutas e conquistas

Estado do Rio Grande do Sul Prefeitura Municipal de Jari Terra de lutas e conquistas CNPJ: 01.609.402/0001-50 Estado do Rio Grande do Sul E-mail: pmjarirs@uol.com.br LEI N.º 1856 DE 07 DE MAIO DE 2013 AUTORIZA O PODER EXECUTIVO MUNICIPAL A CELEBRAR CONVÊNIO DE MÚTUA COLABORAÇÃO ENTRE O

Leia mais

Procedimento Operacional FUNDO FIXO DE CAIXA. Este procedimento estabelece as diretrizes que regulamentam a utilização e prestação de contas do

Procedimento Operacional FUNDO FIXO DE CAIXA. Este procedimento estabelece as diretrizes que regulamentam a utilização e prestação de contas do Companhia de Informática de Jundiaí CIJUN Procedimento Operacional FUNDO FIXO DE CAIXA Responsável: Diretoria Administrativa Financeira 1. OBJETIVO Este procedimento estabelece as diretrizes que regulamentam

Leia mais

OFICINA DE PROJETOS. Profª Drª Rosangela Marques Busto Profº Drº Luiz Cláudio Reeeberg Stanganelli

OFICINA DE PROJETOS. Profª Drª Rosangela Marques Busto Profº Drº Luiz Cláudio Reeeberg Stanganelli OFICINA DE PROJETOS Profª Drª Rosangela Marques Busto Profº Drº Luiz Cláudio Reeeberg Stanganelli 1. IDENTIFICAÇÃO DA ENTIDADE PROPONENTE Nome da Entidade Clube Brasil Esporte CNPJ 000.000.000/0001-00

Leia mais

PORTARIA 505, DE 29 DE DEZEMBRO DE 2009 Art. 1º : antecedência mínima de 10 dias; (cotação de preços);

PORTARIA 505, DE 29 DE DEZEMBRO DE 2009 Art. 1º : antecedência mínima de 10 dias; (cotação de preços); PASSAGENS AÉREAS PORTARIA 505, DE 29 DE DEZEMBRO DE 2009 Art. 1º : - Solicitação da viagem com passagem aérea com antecedência mínima de 10 dias; - Representante Administrativo Novo Solicitante de Passagens

Leia mais

Inscrição Bolsa de Estudo - Lei /09

Inscrição Bolsa de Estudo - Lei /09 Inscrição Bolsa de Estudo - Lei 12.101/09 Nome do Aluno Nome do Pai Nome da Mãe Turma/Série Data Nascimento Data Nascimento Data Nascimento Endereço N Bairro Telefones INFORMAÇÕES GERAIS Você recebeu Bolsa

Leia mais

MANUAL DE ORIENTAÇÃO REGRAS E FLUXO PARA LICITAÇÕES E COMPRAS PÚBLICAS CAMPUS SÃO PAULO - CAPES PROAP E PNDP

MANUAL DE ORIENTAÇÃO REGRAS E FLUXO PARA LICITAÇÕES E COMPRAS PÚBLICAS CAMPUS SÃO PAULO - CAPES PROAP E PNDP MANUAL DE ORIENTAÇÃO REGRAS E FLUXO PARA LICITAÇÕES E COMPRAS PÚBLICAS - CAPES PROAP E PNDP 2017 São Paulo, 12 de abril de 2017. Prezado secretário e coordenador de programa de pós-graduação, A Portaria

Leia mais

Valdésio Roque Della Betta Prefeito

Valdésio Roque Della Betta Prefeito MENSAGEM Nº 57/2017 CHARRUA, 21 DE AGOSTO DE 2017. Senhora Presidente Senhores Vereadores: Ao cumprimentá-los, muito cordialmente, dirigimo-nos a Vossas Senhorias para encaminhar o Projeto de Lei nº 57/2017,

Leia mais

PREFEITURA DA CIDADE DO RIO DE JANEIRO

PREFEITURA DA CIDADE DO RIO DE JANEIRO SECRETARIA MUNICIPAL DE CULTURA CENTRO COREOGRÁFICO DA CIDADE DO RIO DE JANEIRO CHAMAMENTO PÚBLICO DE RESIDÊNCIAS ARTÍSTICAS OCUPAÇÃO DE SALA JUNHO A DEZEMBRO DE 2017 1 INTRODUÇÃO 1.1. A SECRETARIA MUNICIPAL

Leia mais

ANEXO I REGULAMENTO DE APOIO INSTITUCIONAL À PARTICIPAÇÃO DE DOCENTES EM EVENTOS CIENTÍFICOS TÍTULO I DA NATUREZA E DA FINALIDADE

ANEXO I REGULAMENTO DE APOIO INSTITUCIONAL À PARTICIPAÇÃO DE DOCENTES EM EVENTOS CIENTÍFICOS TÍTULO I DA NATUREZA E DA FINALIDADE ANEXO I REGULAMENTO DE APOIO INSTITUCIONAL À PARTICIPAÇÃO DE DOCENTES EM EVENTOS CIENTÍFICOS TÍTULO I DA NATUREZA E DA FINALIDADE Art. 1º Este regulamento estabelece critérios e procedimentos referentes

Leia mais

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL CONSELHO REGIONAL DE ENGENHARIA, ARQUITETURA E AGRONOMIA DO ESTADO DE SÃO PAULO CREA-SP

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL CONSELHO REGIONAL DE ENGENHARIA, ARQUITETURA E AGRONOMIA DO ESTADO DE SÃO PAULO CREA-SP Instrução nº 2538/11 Dispõe sobre o ressarcimento de diárias e transporte aos Senhores Funcionários, quando em viagem a serviço, reuniões, eventos, treinamentos dentro e fora do Estado, formalmente convocados

Leia mais

PORTARIA CRMV-MS Nº. 015, DE 23 DE MARÇO DE 2016.

PORTARIA CRMV-MS Nº. 015, DE 23 DE MARÇO DE 2016. PORTARIA Nº. 015, DE 23 DE MARÇO DE 2016. EMENTA: DISPÕE SOBRE A CONCESSÃO DE DIÁRIAS NO ÂMBITO DO E DÁ OUTRAS PROVIDÊNCIAS. O Presidente do Conselho Regional de Medicina Veterinária do Estado de Mato

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO GRANDE DO SUL. a partir de. 11/jan

UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO GRANDE DO SUL. a partir de. 11/jan UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO GRANDE DO SUL 2016 a partir de 11/jan UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO GRANDE DO SUL PRÓ-REITORIA DE EXTENSÃO PROGRAMA DE FOMENTO À EXTENSÃO EDIÇÃO 2016 A PRÓ-REITORIA DE EXTENSÃO

Leia mais

Norma Administrativa Data Assunto Código Página. 21/10/2014 Norma para Viagens FN-001/12 Pág. 1 de 11

Norma Administrativa Data Assunto Código Página. 21/10/2014 Norma para Viagens FN-001/12 Pág. 1 de 11 21/10/2014 Norma para Viagens FN-001/12 Pág. 1 de 11 1. OBJETIVO Reduzir os problemas com acertos e padronizar o controle dos adiantamentos, através de critérios e limites para despesas com viagens, representações

Leia mais

INSTRUÇÃO NORMATIVA Nº 04, de 01 de julho de 2016.

INSTRUÇÃO NORMATIVA Nº 04, de 01 de julho de 2016. INSTRUÇÃO NORMATIVA Nº 04, de 01 de julho de 2016. Regulamenta a Solicitação de Recursos para Participação dos Servidores em Eventos e Cursos de Capacitação de curta e média duração, de acordo com o Plano

Leia mais

INTRODUÇÃO OBJETIVO 1. GALERIAS 1.1 OBJETO E LOCAIS DE REALIZAÇÃO

INTRODUÇÃO OBJETIVO 1. GALERIAS 1.1 OBJETO E LOCAIS DE REALIZAÇÃO PROGRAMA DE CULTURA ESPAÇOS VISUAIS REDE SESC DE GALERIAS Edição 2017 Artes Visuais INTRODUÇÃO O Serviço Social do Comércio Sesc, Departamento Regional de Santa Catarina, informa aos interessados os procedimentos

Leia mais

PACTEC PROGRAMA DE APOIO CIENTÍFICO E TECNOLÓGICO E CURSO DE PÓS-GRADUAÇÃO STRICTO SENSU

PACTEC PROGRAMA DE APOIO CIENTÍFICO E TECNOLÓGICO E CURSO DE PÓS-GRADUAÇÃO STRICTO SENSU DIREÇÃO ACADÊMICA PACTEC PROGRAMA DE APOIO CIENTÍFICO E TECNOLÓGICO E CURSO DE PÓS-GRADUAÇÃO STRICTO SENSU Bacabal 2016 REGULAMENTO DO PROGRAMA DE APOIO CIENTÍFICO E TECNOLÓGICO E CURSO DE PÓS-GRADUAÇÃO

Leia mais

EDITAL Nº 003/2016-PROPPG, de 07 de março de 2016.

EDITAL Nº 003/2016-PROPPG, de 07 de março de 2016. PROGRAMA INSTITUCIONAL DE INCENTIVO À TRADUÇÃO PARA LÍNGUA ESTRANGEIRA E PUBLICAÇÃO DE ARTIGOS DE SERVIDORES DO INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DE GOIÁS (PIPART/IFG) EDITAL Nº 003/2016-PROPPG,

Leia mais

Quaisquer despesas que não estejam relacionadas ao objetivo da viagem devem ser evitadas.

Quaisquer despesas que não estejam relacionadas ao objetivo da viagem devem ser evitadas. 15. POLÍTICA DE VIAGENS CORPORATIVAS a) Abrangência Esta política tem caráter obrigatório para todos os funcionários COGEM efetivos e tem porários, estagiários e membros dos Conselhos de Administração

Leia mais

COTAÇÃO PRÉVIA DE PREÇOS PARA FOTOGRAFIA

COTAÇÃO PRÉVIA DE PREÇOS PARA FOTOGRAFIA COTAÇÃO PRÉVIA DE PREÇOS PARA FOTOGRAFIA DADOS DO PROJETO: Incentivo: Projeto aprovado nos termos da Lei de Incentivo ao Esporte Título do projeto: Circuito de Canoagem 2016 N do processo ME: 58701.003949/2015-39

Leia mais

UTILIZAÇÃO DE SERVIÇOS DE TAXI

UTILIZAÇÃO DE SERVIÇOS DE TAXI Folha 1 de 5 Revisão Data. Conteúdo Elaborado por A 1/6/2015 Emissão inicial Roberto Couto 00 2/6/2015 Aprovação 01 3/6/2015 Feitas correções sugeridas por Luciene Roberto Couto 02 11/11/2016 Ajustes para

Leia mais

PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM FITOPATOLOGIA INSTRUÇÕES PARA UTILIZAÇÃO DO RECURSO DO CONVÊNIO CAPES/PROEX

PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM FITOPATOLOGIA INSTRUÇÕES PARA UTILIZAÇÃO DO RECURSO DO CONVÊNIO CAPES/PROEX PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM FITOPATOLOGIA INSTRUÇÕES PARA UTILIZAÇÃO DO RECURSO DO CONVÊNIO CAPES/PROEX VIGÊNCIA: agosto de 2016 a 11 novembro de 2016 1. INFORMAÇÕES GERAIS DO OBJETIVO DO PROEX Art. 1º.

Leia mais

MANUAL PRÁTICO de Prestação de Contas de Adiantamento

MANUAL PRÁTICO de Prestação de Contas de Adiantamento APRESENTAÇÃO Almejando contribuir com a qualidade plena dos serviços, a necessidade de melhor servir aos destinatários de nossa atuação e o atendimento do Art. 21 do Decreto Estadual nº 3498/2004, pretende

Leia mais

MANUAL RÁPIDO DE COMPRAS DIRETAS

MANUAL RÁPIDO DE COMPRAS DIRETAS MANUAL RÁPIDO DE COMPRAS DIRETAS FOZ DO IGUAÇU / 2016 MANUAL RÁPIDO DE COMPRAS DIRETAS Pró-Reitoria de Administração, Gestão e Infraestrutura - PROAGI Edson Carlos Thomas Coordenadoria de Compras, Contratos

Leia mais

EDITAL Nº 14/2016 AUXÍLIO FINANCEIRO PARTICIPAÇÃO EM EVENTOS

EDITAL Nº 14/2016 AUXÍLIO FINANCEIRO PARTICIPAÇÃO EM EVENTOS EDITAL Nº 14/2016 AUXÍLIO FINANCEIRO PARTICIPAÇÃO EM EVENTOS Este edital dispõe sobre as normas para solicitação, concessão e utilização de auxílio financeiro para participação em eventos extracurriculares,

Leia mais

COTAÇÃO PRÉVIA DE PREÇOS 017/2016. Passagens Aéreas

COTAÇÃO PRÉVIA DE PREÇOS 017/2016. Passagens Aéreas PROJETO: CIRCUITO COPAS DO BRASIL DE CANOAGEM 2016 COTAÇÃO PRÉVIA DE PREÇOS 017/2016 Passagens Aéreas COTAÇÃO PRÉVIA DE PREÇOS N 017/2016 DADOS DO PROJETO: Incentivo: Projeto aprovado nos termos da Lei

Leia mais

FUNDO MATO-GROSSENSE DE APOIO À CULTURA DA SEMENTE MANUAL DE PRESTAÇÃO DE CONTAS

FUNDO MATO-GROSSENSE DE APOIO À CULTURA DA SEMENTE MANUAL DE PRESTAÇÃO DE CONTAS FUNDO MATO-GROSSENSE DE APOIO À CULTURA DA SEMENTE MANUAL DE PRESTAÇÃO DE CONTAS Cuiabá/MT, 10/04/2013 1 MANUAL DE PRESTAÇÃO DE CONTAS 1. INTRODUÇÃO 1.1 - Recomenda-se a leitura deste manual antes de utilizar

Leia mais

DECRETO ADMINISTRATIVO N. 388, DE 31 DE MAIO DE 2007. Publicado no Diário da Assembléia nº 1.543

DECRETO ADMINISTRATIVO N. 388, DE 31 DE MAIO DE 2007. Publicado no Diário da Assembléia nº 1.543 DECRETO ADMINISTRATIVO N. 388, DE 31 DE MAIO DE 2007. Publicado no Diário da Assembléia nº 1.543 O Presidente da Assembléia Legislativa do Estado do Tocantins, no uso de suas atribuições constitucionais,

Leia mais

IV local para onde o empregado irá se deslocar;

IV local para onde o empregado irá se deslocar; Alterada pela resoução 23/2007 RESOLUÇÃO OABMS Nº 16/2007 Estabelece as condições para pagamento de diárias a empregados da Seção da Ordem dos Advogados do Brasil de Mato Grosso do Sul nos deslocamentos

Leia mais

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL CONSELHO DE ARQUITETURA E URBANISMO DO RIO GRANDE DO NORTE

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL CONSELHO DE ARQUITETURA E URBANISMO DO RIO GRANDE DO NORTE PORTARIA Nº 05, DE 23 DE ABRIL DE 2012 Dispõe sobre a concessão, aplicação e comprovação de suprimento de fundos no âmbito do Conselho de Arquitetura e Urbanismo do Rio Grande do Norte CAU/RN. O Presidente

Leia mais

PORTARIA N.º 21/2014

PORTARIA N.º 21/2014 PORTARIA N.º 21/2014 Dispõe sobre os procedimentos e requisitos para a concessão de diárias e aquisição de passagens no âmbito do Instituto Rui Barbosa IRB e dá outras providências. O PRESIDENTE DO INSTITUTO

Leia mais

Campus Baturité. EDITAL Nº 01 / ANO 2016 IFCE campus Baturité DIVULGA PROCESSO PARA SOLICITAÇÃO DE AUXÍLIOS AOS DISCENTES

Campus Baturité. EDITAL Nº 01 / ANO 2016 IFCE campus Baturité DIVULGA PROCESSO PARA SOLICITAÇÃO DE AUXÍLIOS AOS DISCENTES Campus Baturité EDITAL Nº 01 / ANO 2016 IFCE campus Baturité DIVULGA PROCESSO PARA SOLICITAÇÃO DE AUXÍLIOS AOS DISCENTES O Diretor do campus Baturité, do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia

Leia mais

1. Apresentação A Fundação Escola Politécnica da Bahia é responsável pela gestão financeira de Projetos.

1. Apresentação A Fundação Escola Politécnica da Bahia é responsável pela gestão financeira de Projetos. 1. Apresentação A Fundação Escola Politécnica da Bahia é responsável pela gestão financeira de Projetos. A FEP elaborou as NPP Normas Padrão de Procedimentos, no intuito de informar com mais clareza os

Leia mais

2º EDITAL SANTANDER/USP/FUSP DE Direitos Fundamentais e Políticas Públicas

2º EDITAL SANTANDER/USP/FUSP DE Direitos Fundamentais e Políticas Públicas 2º EDITAL SANTANDER/USP/FUSP DE Direitos Fundamentais e Políticas Públicas PRÓ-REITORIA DE CULTURA E EXTENSÃO UNIVERSITÁRIA 1. OBJETIVO 1.1. O objetivo do presente edital é apoiar financeiramente projetos

Leia mais

REGULAMENTO DE AJUDA DE CUSTO AOS DISCENTES

REGULAMENTO DE AJUDA DE CUSTO AOS DISCENTES REGULAMENTO DE AJUDA DE CUSTO AOS DISCENTES Regulamenta e estabelece critérios para a Concessão de Ajuda de Custo para os discentes devidamente matriculados no IFMT Câmpus São Vicente. Art. 1º - Este regulamento

Leia mais

I Ser servidor efetivo do IF Baiano, lotado no Campus de Senhor do Bonfim;

I Ser servidor efetivo do IF Baiano, lotado no Campus de Senhor do Bonfim; MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO SECRETARIA DE EDUCAÇÃO PROFISSIONAL E TECNOLÓGICA INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA BAIANO CAMPUS SENHOR DO BONFIM Chamada Interna Nº 01/2017: Apoio à Participação

Leia mais

GABINETE DO PREFEITO CONTROLADORIA GERAL MUNICIPAL ATO DE APROVAÇÃO

GABINETE DO PREFEITO CONTROLADORIA GERAL MUNICIPAL ATO DE APROVAÇÃO GABINETE DO PREFEITO CONTROLADORIA GERAL MUNICIPAL ATO DE APROVAÇÃO INSTRUÇÃO NORMATIVA CGM Nº 003/2011 VERSÃO 02 UNIDADE RESPONSÁVEL Controladoria Municipal de Guamaré I FINALIDADE Dispor acerca do requerimento

Leia mais

Prazos e condições de entrega de Solicitações de Compra de bens e serviços- Campus São Paulo

Prazos e condições de entrega de Solicitações de Compra de bens e serviços- Campus São Paulo Prazos e condições de entrega de Solicitações de Compra de bens e serviços- Solicitamos especial atenção aos prazos e condições definidos para entrega de pedidos de aquisição de bens e contratações de

Leia mais

Categorias troféus 03 primeiros de cada categorias masculino e feminino.

Categorias troféus 03 primeiros de cada categorias masculino e feminino. HAPPY RUNNING VILA GUILHERME DIA: 25 DE JULHO 2015 HORÁRIO: 16:30 RETIRADA DE KIT: 15:00 às 16:00 HS. CORRIDA: 5000 METROS CAMINHADA: 3000 METROS LOCAL: PARQUE DO TROTE- PISTA PRINCIPAL RUA NADIR DIAS

Leia mais

EDITAL Nº 163/2016 AUXÍLIO FINANCEIRO, AOS ESTUDANTES DO INSTITUTO FEDERAL CATARINENSE, PARA PARTICIPAÇÃO EM EVENTO CULTURAL

EDITAL Nº 163/2016 AUXÍLIO FINANCEIRO, AOS ESTUDANTES DO INSTITUTO FEDERAL CATARINENSE, PARA PARTICIPAÇÃO EM EVENTO CULTURAL EDITAL Nº 163/2016 AUXÍLIO FINANCEIRO, AOS ESTUDANTES DO INSTITUTO FEDERAL CATARINENSE, PARA PARTICIPAÇÃO EM EVENTO CULTURAL O Reitor Substituto do, Prof. Robert Lenoch, no uso de suas atribuições legais,

Leia mais

ESPAÇOS VISUAIS REDE SESC DE GALERIAS

ESPAÇOS VISUAIS REDE SESC DE GALERIAS ESPAÇOS VISUAIS REDE SESC DE GALERIAS REGULAMENTO 1. DO OBJETIVO 1.1 O Projeto Espaços Visuais Rede Sesc de Galerias, tem como principal objetivo a realização de exposições temporárias nas galerias de

Leia mais

CHECK LIST DA MINUTA DO CONVÊNIO. 1 Preâmbulo contento numeração seqüencial no SICONV (art. 42, Portaria Int. 507/2011)

CHECK LIST DA MINUTA DO CONVÊNIO. 1 Preâmbulo contento numeração seqüencial no SICONV (art. 42, Portaria Int. 507/2011) CHECK LIST DA MINUTA DO CONVÊNIO Descrição Atendimento Sim N/S Não Fls. 1 Preâmbulo contento numeração seqüencial no SICONV (art. 42, Portaria Int. 2 Qualificação completa dos partícipes (art. 42, Portaria

Leia mais

INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DE SÃO PAULO-IFSP MANUAL DE PROCEDIMENTOS DO SISTEMA DE CONCESSÃO DE DIÁRIAS E PASSAGENS

INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DE SÃO PAULO-IFSP MANUAL DE PROCEDIMENTOS DO SISTEMA DE CONCESSÃO DE DIÁRIAS E PASSAGENS MANUAL DE PROCEDIMENTOS DO SISTEMA DE CONCESSÃO DE DIÁRIAS E PASSAGENS CAMPUS MATÃO 2014 1 Objetivo 2 Perfis dos usuários 3 Solicitação de diárias 4 Prestação de contas 5 Considerações finais 6 Trâmite

Leia mais

EDITAL PROPPI Nº 010/ FLUXO CONTÍNUO - Auxílio à Publicação em Periódicos Técnico-científicos

EDITAL PROPPI Nº 010/ FLUXO CONTÍNUO - Auxílio à Publicação em Periódicos Técnico-científicos EDITAL PROPPI Nº 010/2016 - FLUXO CONTÍNUO - Auxílio à Publicação em Periódicos Técnico-científicos O Pró-reitor de Pesquisa, Pós-graduação e Inovação do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia

Leia mais

Política e regras válidas a partir de 01 de Novembro de 2014.

Política e regras válidas a partir de 01 de Novembro de 2014. Informações Gerais Qual política a seguir Adiantamento de Valor para Sempre seguir a Política da Compasso, a menos que o cliente/projeto em que o profissional esteja trabalhando possua uma política específica;

Leia mais

PORTARIA N 003/2014, DE 31 DE OUTUBRO DE 2014.

PORTARIA N 003/2014, DE 31 DE OUTUBRO DE 2014. PORTARIA N 003/2014, DE 31 DE OUTUBRO DE 2014. Dispõe sobre a concessão de Suprimento de Fundos pela Fundação de Educação Tecnológica e Cultural da Paraíba FUNETEC-PB. O SUPERINTENDENTE da Fundação de

Leia mais

ANEXO III MANUAL DE UTILIZAÇÃO DOS RECURSOS E PRESTAÇÃO DE

ANEXO III MANUAL DE UTILIZAÇÃO DOS RECURSOS E PRESTAÇÃO DE ANEXO III MANUAL DE UTILIZAÇÃO DOS RECURSOS E PRESTAÇÃO DE CONTAS - CONCURSO GURI CONSCIENTE DESENVOLVIMENTO E PREMIAÇÃO DO PROJETO VENCEDOR REF.: EDITAL nº. 01/2014 - CONCURSO GURI CONSCIENTE POLOS FUNDAÇÃO

Leia mais

COTAÇÃO PRÉVIA DE PREÇOS 003/2016. Projeto aprovado nos termos da Lei de Incentivo ao Esporte Título do projeto:

COTAÇÃO PRÉVIA DE PREÇOS 003/2016. Projeto aprovado nos termos da Lei de Incentivo ao Esporte Título do projeto: COTAÇÃO PRÉVIA DE PREÇOS 003/2016 DADOS DO PROJETO: Incentivo: Projeto aprovado nos termos da Lei de Incentivo ao Esporte Título do projeto: IV Equipe Permanente de Canoagem Slalom N do processo ME: 58701.004158/2015-26

Leia mais

Portaria n.º 1.764/GR, de 30 de setembro de 2013

Portaria n.º 1.764/GR, de 30 de setembro de 2013 MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL RURAL DO RIO DE JANEIRO GABINETE DA REITORIA Endereço: BR 465, KM 7, Centro Seropédica, CEP: 23897-000 Telefone: (21) 2682-1080, 2682-1090 E-mail: gabinete@ufrrj.br

Leia mais

1. DO OBJETO: 2. ESPECIFICAÇÕES:

1. DO OBJETO: 2. ESPECIFICAÇÕES: Cotação Prévia de Preço n 28/2016 Convênio nº 792864/2012 MTE/CAMP. Projeto: Fortalecimento e Expansão das Iniciativas de Fundos Solidários na Região Sul Critério: Menor Preço e Melhor Técnica. Cotação

Leia mais

Estado do Rio Grande do Sul Município de Venâncio Aires

Estado do Rio Grande do Sul Município de Venâncio Aires LEI Nº 5.770, DE 18 DE DEZEMBRO DE 2015 Autoriza o Poder Executivo a conceder repasse de recursos financeiros à Associação Hídrica João Guttenberg, com sede neste Município, e celebrar convênio. AIRTON

Leia mais

Procedimento Nº: P.CT.001 Página 1 de 9 MANUAL DE NORMAS E PROCEDIMENTOS Revisão: 1 Data Rev.: out15

Procedimento Nº: P.CT.001 Página 1 de 9 MANUAL DE NORMAS E PROCEDIMENTOS Revisão: 1 Data Rev.: out15 Procedimento Nº: P.CT.001 Página 1 de 9 ÍNDICE I Norma: 1. Objetivo. 2. Abrangência. 3. Política. 3.1. Áreas envolvidas. 3.2. Vigência. 3.3. Definições. 3.3.1. Extensão de roteiros por motivo particular.

Leia mais

NORMA INTERNA 01/2015 PROPESPG AUXILIO FINANCEIRO A PESQUISADOR PROAP/CAPES

NORMA INTERNA 01/2015 PROPESPG AUXILIO FINANCEIRO A PESQUISADOR PROAP/CAPES NORMA INTERNA 01/2015 PROPESPG Regula a utilização do recurso PROAP CAPES Auxilio financeiro a pesquisador no âmbito da Universidade Federal do Amapá AUXILIO FINANCEIRO A PESQUISADOR PROAP/CAPES 1. CONSIDERAÇÕES

Leia mais

PROCESSO SELETIVO 2016.2 INSCRIÇÕES 7 a 10 de junho de 2016, exclusivamente pelo site: http://siteprouni.mec.gov.br/. DIVULGAÇÃO DOS RESULTADOS Primeira chamada: 13 de junho de 2016 Segunda chamada: 27

Leia mais

M O D E L O NOME DO PROPONENTE (CNPJ) DECLARAÇÃO DE ADIMPLÊNCIA

M O D E L O NOME DO PROPONENTE (CNPJ) DECLARAÇÃO DE ADIMPLÊNCIA DECLARAÇÃO DE ADIMPLÊNCIA Declaramos junto ao Ministério do Turismo que a (nome do proponente) não se encontra em situação de mora ou de inadimplência junto a qualquer órgão ou entidade da Administração

Leia mais

COTAÇÃO PRÉVIA DE PREÇOS 026/2016. Locação de Gerador

COTAÇÃO PRÉVIA DE PREÇOS 026/2016. Locação de Gerador PROJETO: CIRCUITO COPAS DO BRASIL DE CANOAGEM 2016 COTAÇÃO PRÉVIA DE PREÇOS 026/2016 Locação de Gerador COTAÇÃO PRÉVIA DE PREÇOS N 026/2016 DADOS DO PROJETO: Incentivo: Projeto aprovado nos termos da Lei

Leia mais

RESOLUÇÃO Nº 1632 DE

RESOLUÇÃO Nº 1632 DE RESOLUÇÃO Nº 1632 DE 17.07.2007 Disciplina o pagamento de diárias, e também o reembolso de despesas com combustíveis, com pedágio, etc., em deslocamentos realizados por meios próprios, em veículo não pertencente

Leia mais

CENTRO DE LÍNGUAS E INTERCULTURALIDADE CONCESSÃO DE VAGAS GRATUITAS Ano Letivo de 2014

CENTRO DE LÍNGUAS E INTERCULTURALIDADE CONCESSÃO DE VAGAS GRATUITAS Ano Letivo de 2014 CENTRO DE LÍNGUAS E INTERCULTURALIDADE CONCESSÃO DE VAGAS GRATUITAS Ano Letivo de 2014 INSTRUÇÕES PARA PREENCHIMENTO DO FORMULÁRIO PARA SOLICITAÇÃO DE VAGA GRATUITA A Direção do Centro de Línguas e Interculturalidade

Leia mais

O CONSELHO FEDERAL DE ESTATÍSTICA, no uso de suas atribuições legais, expede a seguinte orientação aos CONRE:

O CONSELHO FEDERAL DE ESTATÍSTICA, no uso de suas atribuições legais, expede a seguinte orientação aos CONRE: INSTRUÇÃO CONFE Nº 23, de 26 de janeiro de 1977 ORIENTA OS CONSELHOS REGIONAIS DE ESTATÍSTICA QUANTO NOS PROCEDIMENTOS CONTÁBEIS PREVISTOS NA RESOLUÇÃO CONFE Nº 70, DE 06 DE JANEIRO DE 1977. O CONSELHO

Leia mais

PROCEDIMENTOS PARA ABERTURA, UTILIZAÇÃO E PRESTAÇÃO DE CONTAS DE SUPRIMENTOS DE FUNDOS MODALIDADE CARTÃO DE PAGAMENTO DO GOVERNO FEDERAL CPGF

PROCEDIMENTOS PARA ABERTURA, UTILIZAÇÃO E PRESTAÇÃO DE CONTAS DE SUPRIMENTOS DE FUNDOS MODALIDADE CARTÃO DE PAGAMENTO DO GOVERNO FEDERAL CPGF SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO CENTRO FEDERAL DE EDUCAÇÃO TECNOLÓGICA DE MINAS GERAIS Diretoria de Planejamento e Gestão PROCEDIMENTOS PARA ABERTURA, UTILIZAÇÃO E PRESTAÇÃO DE CONTAS DE

Leia mais

FUNDAÇÃO VERDE HERBERT DANIEL MANUAL OPERACIONAL DE EXECUÇÃO E PRESTAÇÃO DE CONTAS

FUNDAÇÃO VERDE HERBERT DANIEL MANUAL OPERACIONAL DE EXECUÇÃO E PRESTAÇÃO DE CONTAS FUNDAÇÃO VERDE HERBERT DANIEL MANUAL OPERACIONAL DE EXECUÇÃO E PRESTAÇÃO DE CONTAS APRESENTAÇÃO Neste manual estão às orientações sobre como proceder, desenvolver, executar a prestação de contas referente

Leia mais

Empresa de Informática e Informação do Município de Belo Horizonte S/A PRODABEL

Empresa de Informática e Informação do Município de Belo Horizonte S/A PRODABEL Empresa de Informática e Informação do Município de Belo Horizonte S/A PRODABEL Diretoria de Sistema - DS Superintendência de Arquitetura de Sistemas - SAS Gerência de Arquitetura de Informação - GAAS

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DE CONCEIÇÃO DAS PEDRAS Pça. Francisco Rodrigues dos Santos, 22 Centro. CEP: CONCEIÇÃO DAS PEDRAS MINAS GERAIS

PREFEITURA MUNICIPAL DE CONCEIÇÃO DAS PEDRAS Pça. Francisco Rodrigues dos Santos, 22 Centro. CEP: CONCEIÇÃO DAS PEDRAS MINAS GERAIS LEI Nº. 891 /2013 Dispõe sobre diárias de viagem e ressarcimento de despesas por deslocamentos de servidores a serviço do município de Conceição das Pedras - MG e dá outras providências O PREFEITO MUNICIPAL

Leia mais

Carro Reserva - Amparo Assistência - Plano Econômico (modelo popular) com Ar Condicionado

Carro Reserva - Amparo Assistência - Plano Econômico (modelo popular) com Ar Condicionado Se precisar estamos ai. Manual do Usuário - Carro Reserva. Carro Reserva - Amparo Assistência - Plano Econômico (modelo popular) com Ar Condicionado Na hipótese de ocorrência durante adimplência do benefício,

Leia mais

ASSOCIAÇÃO DE DIRIGENTES CRISTÃOS DE EMPRESAS DE CAXIAS DO SUL - ADCE

ASSOCIAÇÃO DE DIRIGENTES CRISTÃOS DE EMPRESAS DE CAXIAS DO SUL - ADCE ASSOCIAÇÃO DE DIRIGENTES CRISTÃOS DE EMPRESAS DE CAXIAS DO SUL - ADCE EDITAL PARA SELEÇÃO DE ENTIDADES E POSTERIOR DISTRIBUIÇÃO DE RECURSOS PROVENIENTES DO EVENTO TÁ NA MESA COM A ADCE - EDIÇÃO DE 26.08.2017

Leia mais