RECURSOS HUMANOS POLÍTICA DE TREINAMENTO E DESENVOLVIMENTO

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "RECURSOS HUMANOS POLÍTICA DE TREINAMENTO E DESENVOLVIMENTO"

Transcrição

1 Jan.205. OBJETIVO Este documento tem como objetivo definir conceitos, critérios e responsabilidades para os seguintes Programas de Desenvolvimento da Ipsos: Treinamentos Técnicos, Treinamentos Comportamentais, Treinamentos de Liderança, Bolsa Educacional e Idiomas, bem como a plataforma online global, o ITC. 2. ABRANGÊNCIA Esta política é destinada a todos os funcionários da Ipsos Brasil. 3. PRINCÍPIOS DIRECIONADORES O Programa de Desenvolvimento visa estabelecer um processo educacional de curto e médio prazo, aplicado de maneira sistemática e organizada, através do qual as pessoas adquirem conhecimentos, habilidades e competências em função de objetivos definidos. Em linhas gerais visa: Melhorar o desempenho da organização a partir do desenvolvimento dos indivíduos. Suportar a autonomia e responsabilidade do gestor na definição e viabilização das iniciativas de desenvolvimento de sua equipe. Diferenciar o desenvolvimento dos indivíduos na organização. Valorizar a construção do Plano de Desenvolvimento Individual (PDI). Ampliar as oportunidades de autodesenvolvimento. Promover a corresponsabilidade no desenvolvimento profissional. Reforçar a cultura e valores. Reforçar o papel de RH como suporte estratégico ao gestor e funcionário. OBS: As alternativas para o desenvolvimento dos funcionários incluem, mas não se limitam aos programas contidos nesta política. Atividades on-the-job, orientação do gestor, participação em projetos, leituras, entre outros devem ter prioridade no momento da definição dos Planos de Desenvolvimento Individuais (PDI).

2 Jan TREINAMENTOS TÉCNICOS - específicos para desenvolver a habilidade técnica para aprofundar o conhecimento. Elegibilidade: Funcionários e estagiários com necessidades de desenvolvimento mapeadas em PDI; Público alvo definido para cada programa; Necessidade de capacitação para o desempenho da função. Custo: O valor do curso e eventuais gastos com passagem e hospedagem, durante o período do treinamento, serão subsidiados pelo centro de custo da área. Cancelamentos, faltas e desistências: O funcionário poderá cancelar sua participação em treinamentos externos com até 5 dias úteis de antecedência da realização do mesmo. Caso contrário, o valor integral será debitado do centro de custo da área. Em caso de treinamentos internos, o funcionário poderá cancelar a participação com 5 dias de antecedência. Dependendo do programa, faltas poderão invalidar a participação em módulos subsequentes. Treinamentos poderão ser cancelados caso não atinjam 70% de vagas disponíveis para o mesmo. Aprovações: Principal gestor da BU e Diretoria de Recursos Humanos. 5. TREINAMENTOS COMPORTAMENTAIS E DE LIDERANÇA - respectivamente: específicos para desenvolver as habilidades comportamentais e aprimorar o COMO fazer; específicos para desenvolver as competências de liderança: desenvolvimento de pessoas, gestão de equipe, liderança transformacional. Elegibilidade: Funcionários e estagiários com necessidades de desenvolvimento mapeadas em PDI; Público alvo definido para cada programa; Necessidade de capacitação para o desempenho da função. Custo: O valor do curso será subsidiado pelo centro de custo do RH e eventuais gastos com passagem e hospedagem, durante o período do treinamento, serão subsidiados pelo centro de custo da área. 2

3 Jan.205 Cancelamentos, faltas e desistências: O funcionário poderá cancelar sua participação em treinamentos externos com até 5 dias úteis de antecedência da realização do mesmo. Caso contrário, o valor integral será debitado do centro de custo da área. Em caso de treinamentos internos, o funcionário poderá cancelar a participação com 5 dias de antecedência. Dependendo do programa, faltas poderão invalidar a participação em módulos subsequentes. Treinamentos poderão ser cancelados caso não atinjam 70% de vagas disponíveis para o mesmo. Aprovações: Principal gestor da BU e Diretoria de Recursos Humanos. 6. BOLSA EDUCACIONAL subsídio para formação acadêmica que engloba graduação, especialização, MBA, pós graduação e mestrado. A especialidade escolhida deve estar relacionada com o negócio da Ipsos e as instituições precisam ser reconhecidas pelo MEC. Elegibilidade: Funcionários com mais de 2 meses de empresa; Resultado favorável em Avaliação de Desempenho, sendo igual ou superior a Valued Performer na última avaliação; Estar bem posicionado na matriz de Talent Review; Intervalo mínimo de 2 anos entre a finalização de uma formação e uma nova solicitação. Solicitação / renovação do subsídio: O funcionário tem livre escolha para determinar a instituição; só serão aceitas as solicitações encaminhadas via formulário de subsídios (solicitar ao RH) preenchidas e submetidas ao RH nos meses de janeiro e junho. Custo: Para todos os casos de Bolsa Educacional, o subsídio é de 50% da Ipsos e 50% do funcionário, limitado a R$700,00 (setecentos reais). A Ipsos reembolsará ao funcionário o valor, a partir do comprovante de pagamento e apresentação do formulário de reembolso. Cancelamentos, faltas e desistências: O funcionário deverá ter frequência e aproveitamento de no mínimo 70% e deverá apresentar bimestralmente ao RH os indicadores de notas e faltas. Em caso de desligamento, a bolsa será cancelada imediatamente. Aprovações e Processo: Principal gestor da BU e Diretoria de Recursos Humanos. 3

4 Jan.205 OBS: O número de bolsas será determinado de acordo com o budget anual de treinamento. Em caso de limitações de bolsas e número elevado de inscritos, o Comex definirá a relação de contemplados. 7. SUBSÍDIO IDIOMAS subsídio para Inglês. Entende-se por necessidade de utilização do idioma, quando o funcionário desempenha, com frequência, as seguintes tarefas: elaboração de apresentações, propostas e relatórios, negociações com profissionais de outras nacionalidades, viagens internacionais, conversações com clientes internacionais e com a Ipsos em outros países. Elegibilidade: A partir do nível gerencial; Com mais de 2 meses de empresa; Resultado favorável em Avaliação de Desempenho, sendo igual ou superior a Valued Performer na última avaliação; Estar bem posicionado na matriz de Talent Review. Solicitação / renovação do subsídio: O funcionário tem livre escolha para determinar a instituição ou professor autônomo; só serão aceitas as solicitações encaminhadas via formulário de subsídios (solicitar ao RH) preenchidas e submetidas ao RH nos meses de abril e agosto; aprovação tem validade de 6 meses; em caso de renovação, mantém-se os critérios de elegibilidade somada a evolução do nível de proficiência. Custo: O subsídio é de 50% da Ipsos e 50% do funcionário, limitado a R$450,00 (quatrocentos e cinquenta reais). A Ipsos reembolsará ao funcionário o valor, a partir do comprovante de pagamento e apresentação do formulário de reembolso. Matrícula e material didático deverão ser custeados pelo funcionário integralmente. Cancelamentos, faltas e desistências: O funcionário deverá ter frequência e aproveitamento de no mínimo 70% e deverá apresentar trimestralmente ao RH os indicadores de evolução. Em caso de desligamento, a bolsa será cancelada imediatamente. 4

5 Jan.205 Aprovações e Processo: Principal gestor da BU e Diretoria de Recursos Humanos. OBS: O número de bolsas será determinado de acordo com o budget anual de treinamento. Em caso de limitações de bolsas e número elevado de inscritos, o Comex definirá a relação de contemplados. ITC Ipsos Training Center plataforma online, com mais de 200 cursos, que engloba treinamentos técnicos, comportamentais, de liderança e on boarding. Elegibilidade: Todos os funcionários e estagiários da Ipsos têm acesso ilimitado à plataforma. Custo: Não há custo para a utilização. 8. OPERACIONALIZAÇÃO DOS TREINAMENTOS I. TREINAMENTO INTERNO Este treinamento é realizado dentro da empresa, por um fornecedor contratado ou por algum funcionário Ipsos. Quando o treinamento envolve a parceria da BU e da área de RH, é importante preencher a Catalogação dos Cursos (solicitar ao RH) que contempla informações como: Nome do curso, tipo de treinamento, dados do facilitador, dentre outros. A área de Recursos Humanos é responsável por providenciar: Convite Lista de presença Certificado (quando aplicável) Material de apoio Equipamento Sala Alimentação 5

6 Jan.205 Avaliação de Treinamento II. TREINAMENTO EXTERNO Este treinamento é realizado na Instituição responsável por ministrar o mesmo. A área de Recursos Humanos é responsável pela inscrição e pagamento do treinamento junto à Instituição quando estiver no Plano de Treinamento Anual. Para os treinamentos pontuais é necessária a aprovação do Gestor e do RH. O funcionário deverá encaminhar à área de Recursos Humanos, após o término do treinamento os seguintes itens: Cópia do certificado Avaliação de Reação preenchida (solicitar ao RH) III. AVALIAÇÃO DE REAÇÃO Ao término do treinamento é aplicada aos participantes a Avaliação de Reação com o objetivo de gerar indicadores e identificar quais as possíveis melhorias quanto ao instrutor, material didático e carga horária do treinamento. A mesma deverá ser tabulada e o resultado divulgado aos gestores da área. Caso o treinamento seja interno a avaliação é aplicada aos funcionários no término do treinamento e caso o treinamento seja externo a avaliação é encaminhada pelo link. O processo de controle será feito no RH. Todas as documentações inerentes aos treinamentos são devidamente arquivadas, permitindo consultas caso seja necessário. IV. INDICADORES DE TREINAMENTO Mensalmente a área de Recursos Humanos mede os seguintes indicadores de desempenho relacionados a Treinamento:. Investimento em treinamento por área 2. Carga Horária 3. Planejado versus Realizado (Quantidade) 4. Quantidade de pessoas Treinadas 6

7 5. Nível de satisfação do treinamento 9 CONSIDERAÇÕES FINAIS Jan.205 A gestão de Treinamento e Desenvolvimento da Ipsos é de responsabilidade e competência da área de Recursos Humanos, nenhum evento relacionado a Treinamento e Desenvolvimento poderá ser conduzido pela área de negócios sem o prévio alinhamento com o setor de RH. 0 ANEXOS Lista de Presença Modelo.xls MODELO Formulário - Formulário - _CATALOGAÇÃO DE Solicitação de SubsídAvaliação de Reação 7

8

POLÍTICA DE TREINAMENTO E DESENVOLVIMENTO

POLÍTICA DE TREINAMENTO E DESENVOLVIMENTO POLÍTICA DE TREINAMENTO E DESENVOLVIMENTO Última atualização: 18/03/2014 Versão A EXCLUSIVO PARA USO INTERNO Produzido pela área de RH Aprovado e revisado pela Gerência de RH A reprodução e a distribuição

Leia mais

Política de Treinamento & Desenvolvimento

Política de Treinamento & Desenvolvimento 1. Objetivo Padronizar e estabelecer regras referentes de Treinamento & para colaboradores da Omnilink. 2. Abrangência Todas as filiais da Omnilink. 3. Diretrizes Todas as diretrizes desta política são

Leia mais

Política de Treinamentos

Política de Treinamentos Política de Treinamentos Última Atualização em 10/01/2013 As informações neste documento estão sujeitas a alterações sem aviso prévio. Copyright 2013 HBSIS. Todos os direitos reservados. Nenhuma parte

Leia mais

MANUAL DE PROCEDIMENTOS POLÍTICA DE TREINAMENTO

MANUAL DE PROCEDIMENTOS POLÍTICA DE TREINAMENTO 1. INTRODUÇÃO A Política de Treinamento tem por objetivo estabelecer critérios para o tratamento das solicitações de Capacitação, Desenvolvimento, Cursos Intensivos, Seminários, Palestras, Congressos,

Leia mais

Recursos Humanos - Desenvolvimento Humano Organizacional. Diretrizes do Programa Saber Libbs

Recursos Humanos - Desenvolvimento Humano Organizacional. Diretrizes do Programa Saber Libbs Recursos Humanos - Desenvolvimento Humano Organizacional Diretrizes do Programa Saber Libbs 1. Objetivo Apresentar e esclarecer procedimentos referentes ao Saber Libbs, programa de subsídio da Libbs para

Leia mais

CAPACITAÇÃO E DESENVOLVIMENTO DE SERVIDORES

CAPACITAÇÃO E DESENVOLVIMENTO DE SERVIDORES 1. OBJETIVO Organizar e implementar os procedimentos da participação dos servidores da DPGE em eventos de Capacitação, estabelecendo os critérios necessários para inscrição nos cursos solicitados pelos

Leia mais

1. INFORMAÇÕES GERAIS

1. INFORMAÇÕES GERAIS SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO CENTRO FEDERAL DE EDUCAÇÃO TECNOLÓGICA DE MINAS GERAIS DIRETORIA DE PLANEJAMENTO E GESTÃO SUPERINTENDÊNCIA DE GESTÃO DE PESSOAS Av. Amazonas, nº 5253, Bairro

Leia mais

CAPACITAÇÃO E DESENVOLVIMENTO DE SERVIDORES

CAPACITAÇÃO E DESENVOLVIMENTO DE SERVIDORES 1. OBJETIVO Organizar e implementar os procedimentos da participação dos servidores da DPGE em eventos de Capacitação, estabelecendo os critérios necessários para inscrição nos cursos solicitados pelos

Leia mais

EDITAL DO CURSO DE PÓS-GRADUAÇÃO MBA EXECUTIVO EM NEGÓCIOS DA MODA 2º Semestre de 2016

EDITAL DO CURSO DE PÓS-GRADUAÇÃO MBA EXECUTIVO EM NEGÓCIOS DA MODA 2º Semestre de 2016 EDITAL DO CURSO DE PÓS-GRADUAÇÃO MBA EXECUTIVO EM NEGÓCIOS DA MODA 2º Semestre de 2016 As FACULDADES INTEGRADAS RIO BRANCO, na forma regimental torna público o presente Edital, estabelecendo as normas

Leia mais

CENTRO UNIVERSITÁRIO DO NORTE REITORIA ACADÊMICA COORDENAÇÃO DE PÓS GRADUAÇÃO REGULAMENTO GERAL DOS CURSOS DE PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU

CENTRO UNIVERSITÁRIO DO NORTE REITORIA ACADÊMICA COORDENAÇÃO DE PÓS GRADUAÇÃO REGULAMENTO GERAL DOS CURSOS DE PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU CENTRO UNIVERSITÁRIO DO NORTE REITORIA ACADÊMICA COORDENAÇÃO DE PÓS GRADUAÇÃO REGULAMENTO GERAL DOS CURSOS DE PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU Aprovado pelo CONSUNI Nº15 em 24/05/2016 ÍNDICE CAPITULO I Da Constituição,

Leia mais

TREINAMENTO E DESENVOLVIMENTO

TREINAMENTO E DESENVOLVIMENTO 1. OBJETIVO A política de treinamento e desenvolvimento tem como objetivo estabelecer condições exigíveis para identificar as necessidades coletivas e individuais de treinamento, proporcionando aos profissionais,

Leia mais

Gestão de Pessoas Revisão: 02 Página 1 de 6

Gestão de Pessoas Revisão: 02 Página 1 de 6 PROCEDIMENTO PR 6.01 Gestão de Pessoas Revisão: 02 Página 1 de 6 CÓPIA CONTROLADA 1. HISTÓRICO DE REVISÕES DATA REVISÃO RESUMO DE ALTERAÇÕES 20/08/2013 00 Emissão inicial 29/07/2014 01 03/12/2015 02 Adequações

Leia mais

EDITAL Nº 01/ PPGE

EDITAL Nº 01/ PPGE EDITAL Nº 01/2017 - PPGE PARTICIPAÇÃO DISCENTE EM EVENTOS CIENTÍFICOS E ATIVIDADES DE PESQUISA NACIONAIS O Programa de Pós-Graduação em Economia (PPGE) da Universidade Federal de Juiz de Fora torna pública

Leia mais

PARTICIPAÇÃO DE ALUNOS DE PÓS-GRADUAÇÃO EM EVENTOS CIENTÍFICOS: CRITÉRIOS PARA CONCESSÃO DE AUXÍLIO

PARTICIPAÇÃO DE ALUNOS DE PÓS-GRADUAÇÃO EM EVENTOS CIENTÍFICOS: CRITÉRIOS PARA CONCESSÃO DE AUXÍLIO PARTICIPAÇÃO DE ALUNOS DE PÓS-GRADUAÇÃO EM EVENTOS CIENTÍFICOS: CRITÉRIOS PARA CONCESSÃO DE AUXÍLIO Comissão de Pós-Graduação Faculdade de Odontologia de Bauru/USP Aprovada em 03 de agosto de 2010 I- Auxílio

Leia mais

PROGRAMA VIVÊNCIA PROFISSIONAL : REGULAMENTO DA PRÁTICA PROFISSIONAL / ESTÁGIO. Escola SENAI Anchieta

PROGRAMA VIVÊNCIA PROFISSIONAL : REGULAMENTO DA PRÁTICA PROFISSIONAL / ESTÁGIO. Escola SENAI Anchieta PROGRAMA VIVÊNCIA PROFISSIONAL : REGULAMENTO DA PRÁTICA PROFISSIONAL / ESTÁGIO Escola SENAI Anchieta Sumário Página 01 Prática Profissional / Estágio 03 02 Da carga horária da Prática Profissional / Estágio

Leia mais

POLÍTICA DE IDIOMAS U.M.A.

POLÍTICA DE IDIOMAS U.M.A. Nº DO DOCUMENTO TÍTULO Política de Idiomas REVISÃO Nº 03 INÍCIO DE VIGÊNCIA 01/04/2015 CANAL DE COMUNICAÇÃO Fala Mondial HISTÓRICO DA REVISÃO 1º versão em 27 de agosto de 2014 1º revisão em 28 de novembro

Leia mais

REGULAMENTO DO CURSO DE ESPECIALIZAÇÃO EM EDUCAÇÃO ESPECIAL - ATENDIMENTO EDUCACIONAL ESPECIALIZADO DOS OBJETIVOS E ORGANIZAÇÃO DIDÁTICA

REGULAMENTO DO CURSO DE ESPECIALIZAÇÃO EM EDUCAÇÃO ESPECIAL - ATENDIMENTO EDUCACIONAL ESPECIALIZADO DOS OBJETIVOS E ORGANIZAÇÃO DIDÁTICA MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DA GRANDE DOURADOS PRÓ-REITORIA DE PÓS GRADUAÇÃO - PROPP FACULDADE DE EDUCAÇÃO - FAED DE ESPECIALIZAÇÃO EM EDUCAÇÃO ESPECIAL - ATENDIMENTO EDUCACIONAL ESPECIALIZADO

Leia mais

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DE UBERLÂNDIA DIRETORIA DE RELAÇÕES INTERNACIONAIS E INTERINSTITUCIONAIS

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DE UBERLÂNDIA DIRETORIA DE RELAÇÕES INTERNACIONAIS E INTERINSTITUCIONAIS CHAMADA PARA A PRÉ-SELEÇÃO DE ESTUDANTES DE GRADUAÇÃO DA UFU PARA CANIDATURA ÀS BOLSAS DA VIII EDIÇÃO DO PROGRAMA DE FORTALECIMENTO DA FUNÇÃO PÚBLICA NA AMÉRICA LATINA PELA FUNDAÇÃO MARCELINO BOTÍN A Diretoria

Leia mais

REGULAMENTO DAS ATIVIDADES DO PROGRAMA DE MONITORIA. CAPÍTULO I Do Conceito de Monitoria

REGULAMENTO DAS ATIVIDADES DO PROGRAMA DE MONITORIA. CAPÍTULO I Do Conceito de Monitoria REGULAMENTO DAS ATIVIDADES DO PROGRAMA DE MONITORIA CAPÍTULO I Do Conceito de Monitoria Art. 1º - Entende-se por Monitoria, uma modalidade de ensino e aprendizagem que contribui para a formação integrada

Leia mais

O PARANÁ FALA INGLÊS EDITAL No. 001/2017 EDITAL PARA SELEÇAO DE BOLSISTAS

O PARANÁ FALA INGLÊS EDITAL No. 001/2017 EDITAL PARA SELEÇAO DE BOLSISTAS O PARANÁ FALA INGLÊS EDITAL No. 001/2017 EDITAL PARA SELEÇAO DE BOLSISTAS O Coordenadora Institucional do Programa O Paraná Fala Inglês, da Universidade Estadual do Centro-Oeste - UNICENTRO, no uso de

Leia mais

REGULAMENTO PROGRAMA TRAINEE DURATEX 2017

REGULAMENTO PROGRAMA TRAINEE DURATEX 2017 REGULAMENTO PROGRAMA TRAINEE DURATEX 2017 Este Regulamento estabelece as regras de participação dos Candidatos no processo de seleção para o Programa Trainee Duratex 2017, de acordo com os termos e as

Leia mais

EDITAL N. 002/2016/DIREX PROCESSO SELETIVO INTERNO PARA PROJETOS E BOLSISTAS DE EXTENSÃO VINCULADO AO PROGRAMA DE BOLSAS DE EXTENSÃO PBEXT

EDITAL N. 002/2016/DIREX PROCESSO SELETIVO INTERNO PARA PROJETOS E BOLSISTAS DE EXTENSÃO VINCULADO AO PROGRAMA DE BOLSAS DE EXTENSÃO PBEXT MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO CENTRO FEDERAL DE EDUCAÇÃO TECNOLÓGICA CELSO SUCKOW DA FONSECA EDITAL N. 002/2016/DIREX PROCESSO SELETIVO INTERNO PARA PROJETOS E BOLSISTAS DE EXTENSÃO VINCULADO AO PROGRAMA DE BOLSAS

Leia mais

NM-0098/REV.20.0-POR

NM-0098/REV.20.0-POR Norma Programa Natura Educação Cópia NÃO Controlada NM-0098/REV.20.0-POR 1. REFERÊNCIA GRH-10.003 Execução das Ações de Educação 2. OBJETIVO O novo Programa Natura Educação será um incentivo, um reconhecimento

Leia mais

PÓS-GRADUAÇÃO EM GESTÃO ESCOLAR

PÓS-GRADUAÇÃO EM GESTÃO ESCOLAR PÓS-GRADUAÇÃO EM GESTÃO ESCOLAR Previsão de Ingresso: primeiro semestre de 2016 ESPM Unidade Sul Rua Guilherme Schell, 350 Santo Antônio Porto Alegre/RS. Informações: Educação Executiva: (51) 3218-1380

Leia mais

OPORTUNIDADE DE BOLSA FH VORARLBERG UNIVERSITY OF APPLIED SCIENCES

OPORTUNIDADE DE BOLSA FH VORARLBERG UNIVERSITY OF APPLIED SCIENCES OPORTUNIDADE DE BOLSA FH VORARLBERG UNIVERSITY OF APPLIED SCIENCES A FH Vorarlberg University of Applied Sciences, através do OeAD-GmbH/ICM - Ministério Federal da Ciência, Investigação e Economia (BMWFW)

Leia mais

ORDEM DE SERVIÇO. ASSUNTO: Regulamenta o Programa de Bolsa de Iniciação à Docência 1 FINALIDADE

ORDEM DE SERVIÇO. ASSUNTO: Regulamenta o Programa de Bolsa de Iniciação à Docência 1 FINALIDADE OS-04/SR-1/04 01/06 1 FINALIDADE A presente Ordem de Serviço tem por finalidade modificar a OS-02/SR-1/95 e regulamentar a operacionalização do Programa de Bolsa de Iniciação à. 2 OBJETIVO DO PROGRAMA

Leia mais

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO CURSO DE ESPECIALIZAÇÃO EM ACUPUNTURA EDITAL Nº 053 /2016 A e a Coordenação do Curso de Especialização em Acupuntura levam ao conhecimento dos interessados a abertura de inscrições para o referido curso,

Leia mais

Procedimento Operacional Padrão. Recrutamento, Seleção e Contratação de Pessoal. Responsável: Gerente de Recursos Humanos Revisado em: 16/09/2016

Procedimento Operacional Padrão. Recrutamento, Seleção e Contratação de Pessoal. Responsável: Gerente de Recursos Humanos Revisado em: 16/09/2016 Objetivos Estabelecer conceitos, responsabilidades, critérios e procedimentos relacionados à captação, seleção e contratação de pessoal de forma interna e/ou externa. Glossário R&S (Recrutamento e Seleção):

Leia mais

CALL FOR PROPOSALS SELEÇÃO PARA SHOWCASE NA FIESTA DEL LIBRO Y LA CULTURA DE MEDELLÍN

CALL FOR PROPOSALS SELEÇÃO PARA SHOWCASE NA FIESTA DEL LIBRO Y LA CULTURA DE MEDELLÍN CALL FOR PROPOSALS SELEÇÃO PARA SHOWCASE NA FIESTA DEL LIBRO Y LA CULTURA DE MEDELLÍN LEIA ATENTAMENTE ESTE DOCUMENTO, POIS QUALQUER DETALHE INCORRETO PODERÁ RESULTAR EM CANCELAMENTO DE SUA INSCRIÇÃO CONTROLE

Leia mais

Plano Anual de Capacitação - PAC dos servidores técnico-administrativos da UFABC 2016

Plano Anual de Capacitação - PAC dos servidores técnico-administrativos da UFABC 2016 Universidade Federal do ABC Superintendência de Gestão de Pessoas Plano Anual de Capacitação - PAC dos servidores técnico-administrativos da UFABC 2016 Santo André 2016 "Desenvolver pessoas não é apenas

Leia mais

Previsão de Ingresso: agosto de ESPM Unidade Sul. Rua Guilherme Schell, 350 Santo Antônio Porto Alegre/RS. Informações:

Previsão de Ingresso: agosto de ESPM Unidade Sul. Rua Guilherme Schell, 350 Santo Antônio Porto Alegre/RS. Informações: PÓS-GRADUAÇÃO EM GESTÃO DE NEGÓCIOS PRIMEIRA GERÊNCIA Previsão de Ingresso: agosto de 2017 ESPM Unidade Sul Rua Guilherme Schell, 350 Santo Antônio Porto Alegre/RS. Informações: Filipe S. Szyszko (51)

Leia mais

O PARANÁ FALA INGLÊS EDITAL No. 001/2017 EDITAL PARA SELEÇAO DE BOLSISTAS

O PARANÁ FALA INGLÊS EDITAL No. 001/2017 EDITAL PARA SELEÇAO DE BOLSISTAS O PARANÁ FALA INGLÊS EDITAL No. 001/2017 EDITAL PARA SELEÇAO DE BOLSISTAS A Coordenadora Institucional do Programa O Paraná Fala Inglês, da Universidade Estadual do Oeste do Paraná - UNIOESTE, no uso de

Leia mais

AUTOCONHECIMENTO: Construa seu Plano de Desenvolvimento

AUTOCONHECIMENTO: Construa seu Plano de Desenvolvimento AUTOCONHECIMENTO: Construa seu Plano de Desenvolvimento Ingresso julho 2017 Informações: (51) 3218-1400 - www.espm.br/cursosdeferias Identificar o que realmente lhe dá satisfação, saber quais competências

Leia mais

Edital de Processo de Seleção para bolsa de estudos para o Programa Top Espanha Santander Universidades Edição 2017

Edital de Processo de Seleção para bolsa de estudos para o Programa Top Espanha Santander Universidades Edição 2017 Edital ARI Nº 003/2017 Edital de Processo de Seleção para bolsa de estudos para o Programa Top Espanha Santander Universidades Edição 2017 O Centro Paula Souza CEETEPS, por meio de sua Assessoria de Relações

Leia mais

Procedimento Operacional Padrão

Procedimento Operacional Padrão Procedimento Operacional Padrão POP/DivGP/002/2016 Capacitação Externa com Ônus Versão 1.0 DivGP Procedimento Operacional Padrão POP/DivGP/002/2016 Capacitação Externa com Ônus Versão 1.0 2016, Ebserh.

Leia mais

Técnicas de Negociação Técnica de Negociação

Técnicas de Negociação Técnica de Negociação Técnica de Negociação Início: 8 de julho de 2017 Valor do curso: R$ 720,00 Consulte as condições de pagamento Objetivo do curso Compreender os conceitos centrais da comunicação assertiva; Identificar os

Leia mais

RETENÇÃO DE TALENTO Através da gestão das competências. Ingresso Janeiro Informações: (51)

RETENÇÃO DE TALENTO Através da gestão das competências. Ingresso Janeiro Informações: (51) RETENÇÃO DE TALENTO Através da gestão das competências Ingresso Janeiro 2016 Informações: (51) 3218-1400 - www.espm.br/cursosdeferias RETENÇÃO DE TALENTO através da gestão das competências A retenção de

Leia mais

ASSOCIAÇÃO PIRIPIRIENSE DE ENSINO SUPERIOR APES CHRISTUS FACULDADE DO PIAUÍ - CHRISFAPI EDITAL Nº 001/2016

ASSOCIAÇÃO PIRIPIRIENSE DE ENSINO SUPERIOR APES CHRISTUS FACULDADE DO PIAUÍ - CHRISFAPI EDITAL Nº 001/2016 ASSOCIAÇÃO PIRIPIRIENSE DE ENSINO SUPERIOR APES CHRISTUS FACULDADE DO PIAUÍ - CHRISFAPI DIRETORIA DE ENSINO EDITAL Nº 001/2016 PROCESSO SELETIVO INTERNO PARA PROJETOS DE EXTENSÃO O Núcleo de Iniciação

Leia mais

REGULAMENTO PARA PARTICIPAÇÃO NO CURSO CRIAÇÃO E DIREÇÃO DE FORMATOS TELEVISIVOS DE NÃO FICÇÃO

REGULAMENTO PARA PARTICIPAÇÃO NO CURSO CRIAÇÃO E DIREÇÃO DE FORMATOS TELEVISIVOS DE NÃO FICÇÃO REGULAMENTO PARA PARTICIPAÇÃO NO CURSO CRIAÇÃO E DIREÇÃO DE FORMATOS TELEVISIVOS DE NÃO FICÇÃO 1. APRESENTAÇÃO Este regulamento apresenta as regras e os critérios estabelecidos pelo Núcleo de Gestão do

Leia mais

REGULAMENTO LABx 2015

REGULAMENTO LABx 2015 REGULAMENTO LABx 2015 1. OBJETIVO Este instrumento tem por objetivo regular a participação do CANDIDATO no processo de inscrição para o LABx, programa realizado pelo Na Prática, iniciativa de carreira

Leia mais

EDITAL INFORMATIVO Nº 01/2017. PROCESSO DE SELEÇÃO PROGRAMA DE CAPACITAÇÃO PERMANENTE DOCENTE E TÉCNICO ADMINISTRATIVO.

EDITAL INFORMATIVO Nº 01/2017. PROCESSO DE SELEÇÃO PROGRAMA DE CAPACITAÇÃO PERMANENTE DOCENTE E TÉCNICO ADMINISTRATIVO. EDITAL INFORMATIVO Nº 01/2017. PROCESSO DE SELEÇÃO PROGRAMA DE CAPACITAÇÃO PERMANENTE DOCENTE E TÉCNICO ADMINISTRATIVO. A Associação Educacional e Tecnológica de Santa Catarina, pessoa jurídica de direito

Leia mais

/ / Título Eleitoral Zona Seção Município Estado

/ / Título Eleitoral Zona Seção Município Estado FORMULÁRIO DE INSCRIÇÃO Inscrição Nº (Preenchido pela secretaria) Data da Inscrição / / LEIA ATENTAMENTE ANTES DE PREENCHER Nome completo Estado Civil NASCIMENTO Data Cidade Estado País Naturalidade /

Leia mais

Tendências na área de Recursos Humanos

Tendências na área de Recursos Humanos Tendências na área de Recursos Humanos Confira a 6ª edição do maior censo de Recursos Humanos, realizado pelo RH Portal em 2016. Veja o que os profissionais estão falando sobre a realidade do RH no mercado

Leia mais

IMPERMEABILIZAÇÃO PARA CONSULTORIAS E PERÍCIAS

IMPERMEABILIZAÇÃO PARA CONSULTORIAS E PERÍCIAS IMPERMEABILIZAÇÃO PARA CONSULTORIAS E PERÍCIAS Curso apresentando as principais patologias em edificações decorrentes de falhas na impermeabilização quer por problemas no projeto ou na execução Instrutores:

Leia mais

Treinamento TRABALHO

Treinamento TRABALHO TÍTULO Portaria DO de Treinamento TRABALHO PRÓ-REITORIA DE ADMINISTRAÇÃO COORDENADORIA DE RECURSOS HUMANOS GRUPO TÉCNICO DE PLANEJAMENTO E DESENVOLVIMENTO DE RECURSOS HUMANOS Estabelece Diretrizes para

Leia mais

FACER FACULDADES FACULDADE DE JARAGUÁ PROGRAMA DE MONITORIA VOLUNTÁRIA

FACER FACULDADES FACULDADE DE JARAGUÁ PROGRAMA DE MONITORIA VOLUNTÁRIA FACER FACULDADES FACULDADE DE JARAGUÁ PROGRAMA DE MONITORIA VOLUNTÁRIA INTRODUÇÃO O exercício da Monitoria constitui-se em uma atividade de grande relevância, especialmente, por estimular no aluno de graduação

Leia mais

Política de Recrutamento e Seleção. Estabelecer critérios para o recrutamento e seleção de profissionais para a empresa.

Política de Recrutamento e Seleção. Estabelecer critérios para o recrutamento e seleção de profissionais para a empresa. Política de Recrutamento e Seleção 1. OBJETIVO: Estabelecer critérios para o recrutamento e seleção de profissionais para a empresa. 2. ABRANGÊNCIA: Abrange todas as contratações de profissionais da empresa.

Leia mais

Campus Porto Alegre PORTARIA Nº. 128, DE 17 DE JUNHO DE 2011.

Campus Porto Alegre PORTARIA Nº. 128, DE 17 DE JUNHO DE 2011. PORTARIA Nº. 128, DE 17 DE JUNHO DE 2011. O Diretor-Geral do IFRS -, no uso das atribuições legais que lhe são conferidas pela Portaria nº 08/2009, R E S O L V E: Art. 1º Regulamentar a concessão de auxílio

Leia mais

CURSO DE RELAÇÕES INTERNACIONAIS REGULAMENTO- ATIVIDADES COMPLEMENTARES 1

CURSO DE RELAÇÕES INTERNACIONAIS REGULAMENTO- ATIVIDADES COMPLEMENTARES 1 CURSO DE RELAÇÕES INTERNACIONAIS REGULAMENTO- ATIVIDADES COMPLEMENTARES 1 As Atividades Complementares constituem parte da Carga Horária do Curso de Relações Internacionais da UNIFESP Osasco, em um total

Leia mais

Gestão e Marketing para escritórios de Arquitetura e Design de Interiores

Gestão e Marketing para escritórios de Arquitetura e Design de Interiores Gestão e Marketing para escritórios de Arquitetura e Design de Interiores MANUAL DO CURSO ESPM Rua Joaquim Távora, 1.240 Vila Mariana São Paulo - SP Informações Central de Relacionamento: (11) 5081-8200

Leia mais

Projeto de Capacitação da Comunidade USP Campus Ribeirão Preto

Projeto de Capacitação da Comunidade USP Campus Ribeirão Preto Projeto de Capacitação da Comunidade USP Campus Ribeirão Preto Agosto de 2017 Objetivo Apresentar à comunidade acadêmica, por meio de uma série de atividades de capacitação (gratuitas), a importância da

Leia mais

REGULAMENTO Atividades de Extensão Modalidade Cursos Livres do Instituto Oswaldo Cruz

REGULAMENTO Atividades de Extensão Modalidade Cursos Livres do Instituto Oswaldo Cruz REGULAMENTO Atividades de Extensão Modalidade Cursos Livres do Instituto Oswaldo Cruz 1. CARACTERIZAÇÃO E OBJETIVOS Os Cursos Livres fazem parte das Atividades de Extensão do Instituto Oswaldo Cruz (IOC)

Leia mais

INOVAÇÃO E MANUFATURA AVANÇADA

INOVAÇÃO E MANUFATURA AVANÇADA INOVAÇÃO E MANUFATURA AVANÇADA Aqui estão alguns dos benefícios gerados pelo desenvolvimento e adoção de tecnologias digitais e entrada na era da manufatura avançada: CONTROLAR PROCESSOS E AUMENTAR EFICIÊNCIA

Leia mais

EDITAL Nº 004/2016. Edital de Apoio à Capacitação de Servidores em Eventos e Ações Externas

EDITAL Nº 004/2016. Edital de Apoio à Capacitação de Servidores em Eventos e Ações Externas EDITAL Nº 004/2016 Edital de Apoio à Capacitação de Servidores em Eventos e Ações Externas A Pró-Reitoria de Gestão de Pessoas - PROGEPE por meio da Diretoria de Desenvolvimento de Pessoal - DDP, no uso

Leia mais

DESCRIÇÃO DAS REVISÕES REVISÃO DATA ALTERAÇÃO RESPONSÁVEL

DESCRIÇÃO DAS REVISÕES REVISÃO DATA ALTERAÇÃO RESPONSÁVEL 1 DE 5 DESCRIÇÃO DAS REVISÕES REVISÃO DATA ALTERAÇÃO RESPONSÁVEL 001 15/08/2014 Mudança da logomarca. Adequação ao novo modelo de documento normativo, a cultura da empresa e revisão dos cursos. Maria Heloisa

Leia mais

Universidade Federal do Oeste do Pará PROGRAMA DE MONITORIA ACADÊMICA

Universidade Federal do Oeste do Pará PROGRAMA DE MONITORIA ACADÊMICA Universidade Federal do Oeste do Pará PROGRAMA DE MONITORIA ACADÊMICA 1. Quais são os requisitos para obtenção de bolsa monitoria? a) o discente deve estar regularmente matriculado no período letivo em

Leia mais

Treinamento Presencial: Ferramentas de Strategic Sourcing - Gestão de Categorias -

Treinamento Presencial: Ferramentas de Strategic Sourcing - Gestão de Categorias - Treinamento Presencial: Ferramentas de Strategic Sourcing - Gestão de Categorias - Data: 17 de Setembro de 2014 Carga horária: 8 horas Local: São Paulo/ SP Procurement Business School Quem somos: Procurement

Leia mais

NORMA DE PROGRAMA DE BOLSA DE EXTENSÃO PARA ALUNOS DA UNIVERSIDADE FEDERAL DE ITAJUBÁ -PRÓ-REITORIA DE EXTENSÃO-

NORMA DE PROGRAMA DE BOLSA DE EXTENSÃO PARA ALUNOS DA UNIVERSIDADE FEDERAL DE ITAJUBÁ -PRÓ-REITORIA DE EXTENSÃO- NORMA DE PROGRAMA DE BOLSA DE EXTENSÃO PARA ALUNOS DA UNIVERSIDADE FEDERAL DE ITAJUBÁ -PRÓ-REITORIA DE EXTENSÃO- CAPÍTULO I DAS DISPOSIÇÕES GERAIS Art. 1º - A presente norma fixa os procedimentos para

Leia mais

EDITAL 022/ NEAD/FAEFID SELEÇÃO DE TUTORES A DISTANCIA

EDITAL 022/ NEAD/FAEFID SELEÇÃO DE TUTORES A DISTANCIA U N I V E R S I D A D E F E D E R A L D E J U I Z D E F O R A U F J F N E A D N ú c l e o d e E d u c a ç ã o a D i s t â n c i a Prédio do CRITT Cidade Universitária Bairro Martelos Juiz de Fora - MG

Leia mais

Liderança Executiva para Mulheres: Estratégias para uma carreira de sucesso

Liderança Executiva para Mulheres: Estratégias para uma carreira de sucesso Liderança Executiva para Mulheres: Estratégias para uma carreira de sucesso Início: 22 de Junho de 2016 Valor do curso: R$ 900,00 Consulte as condições de pagamento Objetivo do curso Ao final do curso

Leia mais

REGULAMENTO DAS ATIVIDADES ACADÊMICAS COMPLEMENTARES DO CURSO DE BACHARELADO EM ADMINISTRAÇÃO TÍTULO I. Da Natureza das Atividades Complementares

REGULAMENTO DAS ATIVIDADES ACADÊMICAS COMPLEMENTARES DO CURSO DE BACHARELADO EM ADMINISTRAÇÃO TÍTULO I. Da Natureza das Atividades Complementares REGULAMENTO DAS ATIVIDADES ACADÊMICAS COMPLEMENTARES DO CURSO DE BACHARELADO EM ADMINISTRAÇÃO TÍTULO I Da Natureza das Atividades Complementares Art. 1º - As Atividades Complementares são componentes curriculares

Leia mais

4.1 - A admissão de colaborador condiciona-se a exames de seleção técnica e médica; mediante apresentação dos documentos exigidos, em prazo fixado.

4.1 - A admissão de colaborador condiciona-se a exames de seleção técnica e médica; mediante apresentação dos documentos exigidos, em prazo fixado. POLÍTICAS DE RH DA PEQUENA CASA DA CRIANÇA 1. FINALIDADE: Estabelecer políticas e procedimentos de trabalho concernentes a Pequena, como parte integrante ao contrato individual de trabalho. A obrigatoriedade

Leia mais

Habilidades Técnicas Gerenciais

Habilidades Técnicas Gerenciais Habilidades Técnicas Gerenciais Objetivos Discutir e desenvolver a habilidade de liderança de pessoas, a partir do contexto gerencial, com ênfase na motivação e comprometimento das equipes, refletindo

Leia mais

ESTÁGIO PARA ESTUDANTES DA UFU EDITAL CAPACITAÇÃO/GDHS/HCU-UFU PROCESSO SELETIVO PARA ESTAGIÁRIO(A)

ESTÁGIO PARA ESTUDANTES DA UFU EDITAL CAPACITAÇÃO/GDHS/HCU-UFU PROCESSO SELETIVO PARA ESTAGIÁRIO(A) 1 ESTÁGIO PARA ESTUDANTES DA UFU EDITAL 047.2016 CAPACITAÇÃO/GDHS/HCU-UFU PROCESSO SELETIVO PARA ESTAGIÁRIO(A) O PRESIDENTE DA FUNDAÇÃO DE ASSISTÊNCIA, ESTUDO E PESQUISA DE UBERLÂNDIA - FAEPU, no uso da

Leia mais

Chamada Interna n 01/2017/DGP. ENAP em REDE

Chamada Interna n 01/2017/DGP. ENAP em REDE MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO SECRETARIA DE EDUCAÇÃO PROFISSIONAL E TECNOLÓGICA INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA BAIANO DIRETORIA DE GESTÃO DE PESSOAS COORDENAÇÃO DE DESENVOLVIMENTO DE PESSOAS

Leia mais

GESTÃO DE PESSOAS. Determinar as competências necessárias para a atuação dos profissionais na empresa;

GESTÃO DE PESSOAS. Determinar as competências necessárias para a atuação dos profissionais na empresa; 1. OBJETIVO Estabelecer política para gestão de pessoas que busca atuar na captação de talentos, no desenvolvimento dos profissionais, na mediação das relações entre os níveis hierárquicos, bem como proporcionar

Leia mais

ORDEM DE SERVIÇO 3 - CRITÉRIOS PARA A CONCESSÃO E RENOVAÇÃO

ORDEM DE SERVIÇO 3 - CRITÉRIOS PARA A CONCESSÃO E RENOVAÇÃO OS-05/SR-1/04 01/05 1 - FINALIDADE A presente Ordem de Serviço tem como finalidade modificar a OS-01- /SR-1/95 e regulamentar a operacionalização do Programa de Estágio Interno Complementar. 2 - OBJETIVO

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DE OURO PRETO CENTRO DE EDUCAÇÃO ABERTA E A DISTÂNCIA ESPECIALIZAÇÃO EM COORDENAÇÃO PEDAGÓGICA INFORMES GERAIS PARA O CURSISTA

UNIVERSIDADE FEDERAL DE OURO PRETO CENTRO DE EDUCAÇÃO ABERTA E A DISTÂNCIA ESPECIALIZAÇÃO EM COORDENAÇÃO PEDAGÓGICA INFORMES GERAIS PARA O CURSISTA UNIVERSIDADE FEDERAL DE OURO PRETO CENTRO DE EDUCAÇÃO ABERTA E A DISTÂNCIA ESPECIALIZAÇÃO EM COORDENAÇÃO PEDAGÓGICA INFORMES GERAIS PARA O CURSISTA 2014/2015 APRESENTAÇÃO A Especialização em Coordenação

Leia mais

EDITAL Nº 59/2017 PROGRAD/UAB/CIPEAD

EDITAL Nº 59/2017 PROGRAD/UAB/CIPEAD EDITAL Nº 59/2017 PROGRAD/UAB/CIPEAD CHAMADA PARA SELEÇÃO DE TUTORES DOS CURSOS DE PÓS- GRADUAÇÃO LATO SENSU EM GESTÃO PÚBLICA, GESTÃO PÚBLICA MUNICIPAL E GESTÃO DA SAÚDE A Universidade Federal do Paraná

Leia mais

Edital Nº 005/2015 PPGMAT. EDITAL DE SELEÇÃO PARA INGRESSO EM 2016 NO MESTRADO PROFISSIONAL EM ENSINO DE MATEMÁTICA PPGMAT ALUNO NÃO REGULAR (externo)

Edital Nº 005/2015 PPGMAT. EDITAL DE SELEÇÃO PARA INGRESSO EM 2016 NO MESTRADO PROFISSIONAL EM ENSINO DE MATEMÁTICA PPGMAT ALUNO NÃO REGULAR (externo) Ministério da Educação Universidade Tecnológica Federal do Paraná Pró Reitoria de Pesquisa e Pós Graduação Programa de Mestrado Profissional em Ensino de Matemática Câmpus Londrina/Cornélio Procópio Edital

Leia mais

REGULAMENTO PARA PARTICIPAÇÃO NO CURSO FORMATAÇÃO E APRESENTAÇÃO DE PROJETOS AUDIOVISUAIS PARA TV

REGULAMENTO PARA PARTICIPAÇÃO NO CURSO FORMATAÇÃO E APRESENTAÇÃO DE PROJETOS AUDIOVISUAIS PARA TV REGULAMENTO PARA PARTICIPAÇÃO NO CURSO FORMATAÇÃO E APRESENTAÇÃO DE PROJETOS AUDIOVISUAIS PARA TV 1. APRESENTAÇÃO Este regulamento apresenta as regras e os critérios estabelecidos pelo Núcleo de Gestão

Leia mais

b) possuir carga horária disponível para a realização das atividades do Programa; c) ser professor da disciplina no período vigente das monitorias.

b) possuir carga horária disponível para a realização das atividades do Programa; c) ser professor da disciplina no período vigente das monitorias. EDITAL Nº 03/2016 - CONSEPE A Direção da Faculdade Herrero torna públicos os procedimentos e normas para inscrição e seleção de Monitores 2016/2. Este Edital está em conformidade com a RESOLUÇÃO Nº 11/2010

Leia mais

EDITAL DE SELEÇÃO DE PESSOAL Nº 09/2016

EDITAL DE SELEÇÃO DE PESSOAL Nº 09/2016 EDITAL DE SELEÇÃO DE PESSOAL Nº 09/2016 PROCESSO DE SELEÇÃO Nº 09/2016 PREÂMBULO A Confederação Nacional de Municípios CNM, inscrita no CNPJ/MF sob o nº 00.703.157/0001-83, com sede no SCRS 505, Bloco

Leia mais

Portal Meu RH - Manual de Treinamento

Portal Meu RH - Manual de Treinamento Portal Meu RH - Manual de Treinamento Guia de utilização do Portal Meu RH e suas funcionalidades Dezembro/2016 Treinamento do Portal Meu RH 1. Portal Meu RH 2. Funcionalidades para empregados no Brasil

Leia mais

GESTÃO DA EQUIPE DE VENDAS: Como aumentar sua performance. Ingresso Julho Informações: (51)

GESTÃO DA EQUIPE DE VENDAS: Como aumentar sua performance. Ingresso Julho Informações: (51) GESTÃO DA EQUIPE DE VENDAS: Como aumentar sua performance Ingresso Julho 2014 Informações: (51) 3218-1400 - www.espm.br/cursosdeferias Gestão da Equipe de Vendas: como aumentar sua performance O Desempenho

Leia mais

Como a prestação de serviços pode ser ao mesmo tempo digital e humanizada? Como a prestação de serviço pode ser ao mesmo tempo digital e humanizada?

Como a prestação de serviços pode ser ao mesmo tempo digital e humanizada? Como a prestação de serviço pode ser ao mesmo tempo digital e humanizada? Como a prestação de serviço pode ser ao mesmo tempo digital e humanizada? Início: 11 de setembro de 2017 Valor do curso: R$ 720,00 Consulte as condições de pagamento Objetivo do curso Conhecer a estratégia

Leia mais

EDITAL DO CURSO DE PÓS-GRADUAÇÃO MBA EM GESTÃO DE MARKETING EAD 2º Semestre de 2017

EDITAL DO CURSO DE PÓS-GRADUAÇÃO MBA EM GESTÃO DE MARKETING EAD 2º Semestre de 2017 EDITAL DO CURSO DE PÓS-GRADUAÇÃO MBA EM GESTÃO DE MARKETING EAD 2º Semestre de 2017 As FACULDADES INTEGRADAS RIO BRANCO, na forma regimental torna público o presente Edital, estabelecendo as normas para

Leia mais

EDITAL Nº 90, DE 22 DE FEVEREIRO DE 2016

EDITAL Nº 90, DE 22 DE FEVEREIRO DE 2016 EDITAL Nº 90, DE 22 DE FEVEREIRO DE 2016 O Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de São Paulo (IFSP), por meio de sua Pró-reitoria de Extensão (PRX), tendo em vista o estabelecido na Portaria

Leia mais

EDITAL DE SELEÇÃO PARA DOUTORADO E MESTRADO PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM MATERIAIS PARA A ENGENHARIA (UNIFEI) PRIMEIRO PERÍODO DE 2013

EDITAL DE SELEÇÃO PARA DOUTORADO E MESTRADO PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM MATERIAIS PARA A ENGENHARIA (UNIFEI) PRIMEIRO PERÍODO DE 2013 EDITAL DE SELEÇÃO PARA DOUTORADO E MESTRADO PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM MATERIAIS PARA A ENGENHARIA (UNIFEI) PRIMEIRO PERÍODO DE 2013 O Coordenador do Programa de Pós-Graduação em Materiais para Engenharia

Leia mais

EDITAL N 014 CCENTRO, de 12 de julho de 2016.

EDITAL N 014 CCENTRO, de 12 de julho de 2016. EDITAL N 014 CCENTRO, de 12 de julho de 2016. A Direção Geral do campus Campos Centro IF Fluminense, no uso de suas atribuições, faz saber que, por meio da Diretoria de Educação Básica e Profissional,

Leia mais

EDITAL Nº 04/ PPGE

EDITAL Nº 04/ PPGE EDITAL Nº 04/2017 - PPGE PARTICIPAÇÃO DOCENTE EM EVENTOS CIENTÍFICOS/VISITA TÉCNICA O Programa de Pós-Graduação em Economia (PPGE), da Universidade Federal de Juiz de Fora, torna pública a abertura das

Leia mais

APOIOS FINANCEIROS E PROGRAMAS DE INCENTIVO AO ESTUDANTE DA FERA

APOIOS FINANCEIROS E PROGRAMAS DE INCENTIVO AO ESTUDANTE DA FERA APOIOS FINANCEIROS E PROGRAMAS DE INCENTIVO AO ESTUDANTE DA FERA A FERA é uma instituição de Ensino Superior da Sociedade por isso a faculdade tem o compromisso de formar alunos para a cidadania. Neste

Leia mais

CICLO MCT. Mentoring, Coaching e Training. Coordenador Estratégico de IES

CICLO MCT. Mentoring, Coaching e Training. Coordenador Estratégico de IES CICLO MCT Mentoring, Coaching e Training Coordenador Estratégico de IES Ciclo MCT Mentoring, Coaching e Training Coordenador Estratégico de IES Mentoring Inspira o participante a melhorar seu desempenho

Leia mais

SERVIÇO NACIONAL DE APRENDIZAGEM INDUSTRIAL SENAI DEPARTAMENTO REGIONAL DO RIO GRANDE DO SUL EDITAL DE PROCESSO SELETIVO 2017/2

SERVIÇO NACIONAL DE APRENDIZAGEM INDUSTRIAL SENAI DEPARTAMENTO REGIONAL DO RIO GRANDE DO SUL EDITAL DE PROCESSO SELETIVO 2017/2 SERVIÇO NACIONAL DE APRENDIZAGEM INDUSTRIAL SENAI DEPARTAMENTO REGIONAL DO RIO GRANDE DO SUL EDITAL DE PROCESSO SELETIVO 2017/2 CURSO DE PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU EM ENGENHARIA DE AUTOMAÇÃO E CONTROLE INDUSTRIAL

Leia mais

Diretoria de Pesquisa - DPE Coordenação de Pesquisa

Diretoria de Pesquisa - DPE Coordenação de Pesquisa Diretoria de Pesquisa - DPE Coordenação de Pesquisa Capacitação e Qualificação Docente Edital. 01/2016 1. Objetivo Subsidiar a capacitação dos docentes da Unit, visando ao aperfeiçoamento contínuo do corpo

Leia mais

CURSO DE ESPECIALIZAÇÃO EM GESTÃO DO TRABALHO E DA EDUCAÇÃO E M SAÚDE

CURSO DE ESPECIALIZAÇÃO EM GESTÃO DO TRABALHO E DA EDUCAÇÃO E M SAÚDE UNIVERSIDADE FEDERAL DO MARANHÃO Fundação Instituída nos termos da Lei nº 5.152, de 21/10/1966 São Luís - Maranhão. Pró-Reitoria de Pesquisa e Pós-Graduação CURSO DE ESPECIALIZAÇÃO EM GESTÃO DO TRABALHO

Leia mais

Curso realizado. Fotos após cartaz.

Curso realizado. Fotos após cartaz. Curso realizado. Fotos após cartaz. Curso "Aspectos das Perícias nas Instalações de Gás" IBAPE-RJ - Instituto Brasileiro de Avaliações e Perícias de Engenharia do Estado do Rio de Janeiro

Leia mais

Plano Anual de Capacitação - PAC dos servidores técnico-administrativos da UFABC 2015

Plano Anual de Capacitação - PAC dos servidores técnico-administrativos da UFABC 2015 Universidade Federal do ABC Superintendência de Gestão de Pessoas Plano Anual de Capacitação - PAC dos servidores técnico-administrativos da UFABC 2015 Santo André 2015 "Desenvolver pessoas não é apenas

Leia mais

EDITAL 03/2016 EDUCAÇÃO

EDITAL 03/2016 EDUCAÇÃO MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO FUNDAÇÃO JOAQUIM NABUCO Diretoria de Formação e Desenvolvimento Profissional Fone: (81) 3073.6629 CNPJ: 09.773.169/0001-59 www.fundaj.gov.br EDITAL 03/2016 CURSO DE FORMAÇÃO DE CONSELHEIROS

Leia mais

EDITAL Nº 05/2016. PROCESSO SELETIVO INTERNO DE MONITORES Monitoria de Setores

EDITAL Nº 05/2016. PROCESSO SELETIVO INTERNO DE MONITORES Monitoria de Setores EDITAL Nº 05/2016 PROCESSO SELETIVO INTERNO DE MONITORES Monitoria de Setores O Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio de Janeiro, Campus Nilo Peçanha - Pinheiral, através da Diretoria

Leia mais

EDITAL DO CURSO DE PÓS-GRADUAÇÃO PLACE BRANDING MBA EAD 2º Semestre de 2017

EDITAL DO CURSO DE PÓS-GRADUAÇÃO PLACE BRANDING MBA EAD 2º Semestre de 2017 EDITAL DO CURSO DE PÓS-GRADUAÇÃO PLACE BRANDING MBA EAD 2º Semestre de 2017 As FACULDADES INTEGRADAS RIO BRANCO, na forma regimental torna público o presente Edital, estabelecendo as normas para inscrição

Leia mais

Gestão para Escritórios de Arquitetura e Design de Interiores MANUAL DO CANDIDATO. ESPM - Campus Rodolfo Lima Martensen

Gestão para Escritórios de Arquitetura e Design de Interiores MANUAL DO CANDIDATO. ESPM - Campus Rodolfo Lima Martensen Gestão para Escritórios de Arquitetura e Design de Interiores MANUAL DO CANDIDATO ESPM Campus Rodolfo Lima Martensen Rua Joaquim Távora, 1240 Vila Mariana São Paulo/SP Informações Central de Relacionamento:

Leia mais

Associação Paranaense de Cultura Centro de Educação Profissional Irmão Mário Cristóvão

Associação Paranaense de Cultura Centro de Educação Profissional Irmão Mário Cristóvão 1 EDITAL N.º 07/2015 Dispõe sobre o Processo de Matrícula para o Curso de Extensão: Instrumentação Cirúrgica. O - TECPUC, mantido pela Associação Paranaense de Cultura, torna pública a abertura do processo

Leia mais

Desenvolver as habilidades educacionais para a aplicação de treinamentos corporativos.

Desenvolver as habilidades educacionais para a aplicação de treinamentos corporativos. OBJETIVOS Desenvolver as habilidades educacionais para a aplicação de treinamentos corporativos. Atualização nas práticas e teorias sobre o ensino e o aprendizado de adultos. Refletir sobre atitudes e

Leia mais

MBA EM GESTÃO ESTRATÉGICA DE PESSOAS

MBA EM GESTÃO ESTRATÉGICA DE PESSOAS PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU MBA EM GESTÃO ESTRATÉGICA DE PESSOAS Objetivos do Curso O curso tem como objetivo geral capacitar profissionais na área de Desenvolvimento e Gestão de Pessoas com capacidade de

Leia mais

1. DOS OBJETIVOS DO PROGRAMA

1. DOS OBJETIVOS DO PROGRAMA INSTITUTO FEDERAL GOIANO - CÂMPUS RIO VERDE GO EDITAL Nº. 002, DE 12 AGOSTO DE 2016. O Instituto Federal Goiano Campus Rio Verde, através do presente edital, informa que estão abertas as inscrições para

Leia mais

DICAS DE PLANEJAMENTO

DICAS DE PLANEJAMENTO DICAS DE PLANEJAMENTO 9/9/2014 www.sescoopsp.coop.br PROGRAMAS E PROJETOS SESCOOP/SP FORMATOS DE ATENDIMENTO Ações descentralizadas São ações solicitadas pelas Cooperativas em seu Planejamento e Replanejamento

Leia mais

COLAÇÃO DE GRAU AGOSTO DE 2016 CENTRO UNIVERSITÁRIO UNA

COLAÇÃO DE GRAU AGOSTO DE 2016 CENTRO UNIVERSITÁRIO UNA COLAÇÃO DE GRAU AGOSTO DE 2016 CENTRO UNIVERSITÁRIO UNA # O QUE É COLAÇÃO E OUTORGA DE GRAU? É uma sessão acadêmica com dia, hora e local marcados pela Instituição, para conferir o grau aos concluintes

Leia mais

PROGRAMA DE FORMAÇÃO E CAPACITAÇÃO DE LÍDERES

PROGRAMA DE FORMAÇÃO E CAPACITAÇÃO DE LÍDERES PROGRAMA DE FORMAÇÃO E CAPACITAÇÃO DE LÍDERES CONQUISTE A LIDERANçA INSCRIÇÕES ABERTAS Prepare-se para novos desafios e seja o destaque no mercado de trabalho. Muitas vezes, a liderança não sabe quais

Leia mais