EMPRESA A PTE 043/2014 GPLAN. Esclarecimentos aos questionamentos da Consulta Pública BPMS.

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "EMPRESA A PTE 043/2014 GPLAN. Esclarecimentos aos questionamentos da Consulta Pública BPMS."

Transcrição

1 PTE 043/2014 GPLAN Interessado: Assunto: COMPEL/SEMGE Esclarecimentos aos questionamentos da Consulta Pública BPMS. EMPRESA A QUESTIONAMENTO 1: Item o repositório de processos deverá possibilitar: o Acessos, pesquisas e buscas; o Controle de acesso às pastas, modelos ou projetos dos processos; o Gestão de versões. o Funcionalidade de clonagem de fluxos o Permitir publicar, alterar um modelo de processo sem ter que tirar o sistema do ar. o Permitir o versionamento de modelos de processos e manter todo o histórico das instâncias dos processos separados e rastreáveis por versão. o Todos os campos dos formulários podem ser habilitados como filtros de pesquisa sem a necessidade de conhecimento técnico ou programação. RESPOSTA 1: Seguem os tópicos aceitos e revisados, de acordo com os requisitos da PMS: Item o repositório de processos deverá possibilitar: o Acessos, pesquisas e buscas; o Controle de acesso às pastas, modelos ou projetos dos processos; o Gestão de versões. o Funcionalidade de clonagem de fluxos o Permitir publicar, alterar um modelo de processo sem ter que tirar o sistema do ar. o Permitir o versionamento de modelos de processos e manter todo o histórico das instâncias dos processos separados e rastreáveis por versão. QUESTIONAMENTO 2: Item o Sistema deverá possuir todas as telas da Solução de todos os ambientes (produção, desenvolvimento e homologação) no idioma Português do Brasil, para interação com o usuário final, com opção de uso do Idioma Inglês. RESPOSTA 2: Não será alterado. O sistema será utilizado no Brasil. O idioma utilizado será o português. QUESTIONAMENTO 3: Item fornecer licença do ambiente de desenvolvimento e ambiente de homologação sem restrição de quantidade para todos os tipos de usuários (Usuário de Sistema, Gestor do Processo de Negócio, Gestor do Processo de Negócio, Analista de Negócio/Processo/Implementador). RESPOSTA 3: Aceito. QUESTIONAMENTO 4: Item o Sistema BPMS deve ser totalmente Web, sem a necessidade Clients na estação de trabalho do usuário.

2 RESPOSTA 4: Não será alterado. Não há necessidade para os requisitos da PMS. QUESTIONAMENTO 5: Item e Matriz de requisito 8 o BPMS deverá possuir acesso móvel, de forma que usuários estratégicos possam acessar o sistema e tomar decisões em qualquer momento. O BPMS deverá permitir o acesso móvel nas seguintes plataformas, tanto para Tablets quanto para SmartPhones em ambiente WEB e APP (aplicativo mobile) RESPOSTA 5: Aceito parcialmente. O BPMS deverá possuir acesso móvel, de forma que usuários estratégicos possam acessar o sistema e tomar decisões em qualquer momento. O BPMS deverá permitir o acesso móvel nas seguintes plataformas, tanto para Tablets quanto para SmartPhones em ambiente WEB. QUESTIONAMENTO 6: Item permitir a padronização e validação de campos, tais como CPF e CNPJ, através de scripts escritos em linguagem Java ou JavaScript. RESPOSTA 6: Aceito QUESTIONAMENTO 7: Item deverá prover a funcionalidade de atribuir os componentes gráficos para os formulários (eform) a partir da caixa de componentes. Substituir por: Deverá gerar formulários automaticamente sem a necessidade de programação específica em HTML. RESPOSTA 7: Revisado para: Deverá gerar formulários (eforms) automaticamente sem a necessidade de programação, através de drag-and-drop, a partir da caixa de componentes. QUESTIONAMENTO 8: Item o produto deve prover uma interface Web de interação com os processos de negócio que possua pelo menos os seguintes itens: lista de tarefas, visualização das tarefas e integração com os formulários da tarefa, lista de tarefas selecionados através de filtros e lista de tarefas as quais o usuário tem o papel de Gestor. RESPOSTA 8: Não será alterado. QUESTIONAMENTO 9: Item deve permitir a criação de relatórios para acompanhamento de indicadores de maneira gráfica, por qualquer tipo de usuário, sem intervenção da área de Tecnologia da Informação, permitindo que campos do formulário sejam utilizados como filtros sem a necessidade de codificação. RESPOSTA 9: Revisado para: Deve permitir a criação de relatórios para acompanhamento de indicadores de maneira gráfica, por qualquer tipo de usuário, sem intervenção de profissionais da área de Tecnologia da Informação. QUESTIONAMENTO 10: Item vincular ao usuário Analista de Negócio/Processo/Implementador a propriedade de elementos e objetos (conexões com Banco de Dados, serviços de integração, componentes gráficos e de validação) garantindo a originalidade e permitindo a usuários específicos a possibilidade de uso ou alteração destes elementos RESPOSTA 10: Não será alterado.

3 QUESTIONAMENTO 11: Matriz de requisitos 2 o BPMS não poderá demandar instalações adicionais nas estações dos usuários, exceto nos casos de componentes instalados pelo navegador durante a execução da ferramenta. RESPOSTA 11: Não será alterado. QUESTIONAMENTO 12: Matriz de requisitos 40 permitir campos de preenchimento obrigatório / opcional / somente leitura / ocultos por atividade e sem codificação. RESPOSTA 12: Aceito. QUESTIONAMENTO 13: Visualizando o documento de resposta dos questionamentos, ao qual agradeço o encaminhamento, notei que diversas colaborações enviadas pela LECOM não foram respondidas/consideradas, abaixo descrevo as mesmas: Colaborações: o o 1.2. O software deverá ter o Certificado CERTICS garantindo possuir tecnologia nacional na forma do DECRETO PRESIDENCIAL Nº 8.186, DE 17 DE JANEIRO DE 2014 Modalidade: Concorrência Técnica-Preço ou Pregão Presencial Permitir o uso de SSO (Single Sign On), integrando com a solução da CONTRATANTE denominada SSHD ou com o AD (Active Directory), para a criação e manutenção do login e senha do usuário. Permitir o encaminhamento simultâneo de um mesmo processo para vários usuários. Permitir a reutilização de componentes, tais como atividades, artefatos, processos e subprocessos, de forma gráfica (recurso arrasta e solta ou compatível) permitindo que um componente seja: 1. Referenciado por diversos processos e alterações neste componente e se reflitam em todos os processos que o utilizam. 2. Copiado em outros processos sem que alterações neste componente se reflitam nas cópias utilizadas em outros processos. Deve permitir backup e restauração de todas as camadas da aplicação. O backup de banco de dados deve ser realizado tanto online quanto offline. O backup deve compreender todo o repositório, além das configurações efetuadas (perfis de usuários, grupos de usuários e outras informações não inerentes à instalação nativa da solução). Permitir a criação, implantação e gerenciamento de uma estrutura hierárquica e categorizada de modelos e representações que permitam organizar a visão corporativa dos processos. Exemplo: Esquema de árvore de pastas de processos para cada unidade corporativa visando facilitar o acesso aos usuários. Este controle poderá ser implementado através do conceito de repositórios de controle de modelos, documentos e processos por unidade, usuário e organização. Não necessitar a utilização de BPEL, XPDL ou qualquer outra linguagem intermediária para execução de processos, orquestrando as atividades no motor de workflow diretamente a partir do desenho realizado na ferramenta. Manter, no repositório de artefatos, todas as relações de dependência entre os vários artefatos, permitindo antecipar impactos nas várias aplicações de gestão de processos na realização de mudanças em quaisquer artefatos. Contar com conectores para: Leitura e escrita de bancos de dados, seja por comandos SQL, seja por stored procedures; Permitir suspender um processo e reiniciá-lo após a recepção de uma mensagem. Possuir um mecanismo que permita suspender uma instância de um processo por um período de tempo

4 Permitir a inferência de regras de funcionamento do processo a partir da análise estatística dos processos executados, sugerindo novas melhorias no processo com base em intervalo de confiança definido pelo usuário. Contar com ferramenta visual para desenho do processo baseada em notação BPMN 2.0 ou superior, em sua totalidade, tanto na sintaxe quanto na sua validação semântica em tempo de desenho, impedindo que ocorram conexões inválidas. Prover ferramenta de auditoria, com visualização total de todas as atividades executadas pelo usuário (login, abertura de arquivos, execução atividades, outros). Deve se integrar aos sistemas do CONTRATANTE, através de webservices ou diretamente nas bases de dados já existentes. Para as futuras aplicações construídas pelo CONTRATANTE, devem ser desenvolvidos, quando necessário, adaptadores específicos. Permitir a assinatura e envio em lote de processos e documentos. Oferecer recursos de mobilidade em dois módulos: Módulo Móbile (aplicativo) nativo para a plataforma IOS (Apple) e Android Módulo web para dispositivos móveis Permitir o cadastro de aplicações externas (web) que serão exibidas em um menu específico do sistema(mashup). Número de usuários ilimitados Número de processos ilimitados Permitir a criação e definição ilimitada de modelos de processos e das tarefas por modelo, bem como de instâncias para um mesmo modelo de processo. Deploy automático no motor de processos de novas versões dos processos (sem codificação). Permite a execução e validação dos processos em modo teste, antes da liberação para uso em produção. Permitir uma automação rápida sem usar nenhuma linguagem de programação (conceito ZERO CODE) para que Analistas de Negócio consigam fazer suas automações baseadas no BPMN. Permitir deadline das transações: com base em prazos fixos por atividade / por hora fixa / por quantidade de horas dinâmico, com base em informações das transações RESPOSTA 13: Não serão incluídos/aceitos. Os itens de colaboração propostos acima foram analisados, e aqueles que a SEMGE entende como requisitos necessários à solução já estão contemplados neste TR.

5 EMPRESA B QUESTIONAMENTO 1: RESPOSTA 1: O Processo será conduzido por preço global da solução ou será dividido por lotes? Preço global QUESTIONAMENTO 2: O processo deverá envolver custos de Licenças de uso perpétuo do produto, Serviços de instalação/configuração/parametrização, Serviços de Operação Assistida por 3 meses, Suporte por 60 meses do produto, banco de horas de e treinamento. Sendo composto por 6 itens, está correto o entendimento? RESPOSTA 2: Favor atentar para os itens 6.2.9, 7, 9 e 10 do TR.. QUESTIONAMENTO 3: RESPOSTA 3: Quantos usuários são previstos para treinamento? Item A composição das turmas de alunos poderá ser fixa ou variável, não ultrapassando 15 alunos. Estão previstos 45 (quarenta cinco) treinandos. QUESTIONAMENTO 4: Quanto ao Documento Termo de Referência o Faz-se necessário assinar digitalmente o documento durante a execução da instância do processo ou é preciso suportar a anexação de documentos previamente assinados? RESPOSTA 4: Item a assinatura digital é para a atividade do processo e não para o documento. QUESTIONAMENTO 5: RESPOSTA 5: Pode, por favor, detalhar mais a funcionalidade Maker & Checker descrita no item 111 do Anexo 1 Atividade configurada para ser executada por dois usuários diferentes de uma mesma lane / papel (Feito/Conferido). QUESTIONAMENTO 6: Quanto ao servidor de aplicações, devemos considerar JBoss e Oracle WebLogic ou JBoss e WebSphere? Os itens e 104 do Anexo 1 estão incongruentes. RESPOSTA 6: Considerar Jboss ou Websphere. QUESTIONAMENTO 7: Favor, informar a especificação de hardware fornecida para os todos os ambientes necessários (produção, homologação, teste, desenvolvimento, QA, etc) para fins de cálculo de custos RESPOSTA 7: 2 (dois) servidores com 2 (dois) processadores físicos e pelo menos 8 (oito) cores por processador físico, 512 Gb de memoria RAM, cada servidor. QUESTIONAMENTO 8: RESPOSTA 8: Quanto à POC, pode, por favor, informar o cenário, tempo e escopo do que deverá ser demonstrado? As características da POC serão divulgadas após conhecida a proposta de menor preço.

6 QUESTIONAMENTO 9: RESPOSTA 9: Considerar, por favor, no item a opção de gerar relatórios em PDF ou HTML. Aceito QUESTIONAMENTO 10: Considerar no item , alteração do texto para a seguinte sugestão: o Deverá ser suportável e compatível com os seguintes softwares virtualizadores: Software A, Software B, etc. RESPOSTA 10: Não será alterado. QUESTIONAMENTO 11: Considerar a remoção do item visto que já é requisitado o Windows Server 2008 (SP1, SP2). RESPOSTA 11: O item será revisado para: "Deverá ser compatível com uma das seguintes versões do Sistema Operacional Windows (todas as versões sendo 64-bit)" o Windows Server 2008 o Windows Server 2012 ou superior QUESTIONAMENTO 12: Favor, detalhar mais o item quanto à intenção de promoção de regra nos ambientes sem envolvimento de TI RESPOSTA 12: Essas são regras referentes ao processo de negócio desenhado / parametrizado e devem ser migradas de ambiente sem intervenção de profissionais de TI. Não deverá usar linguagem de programação. QUESTIONAMENTO 13: Quanto ao item , por favor, detalhar mais a necessidade de se criptografar os documentos e imagens quando os mesmo já são guardados no repositório, que já possui controles de segurança. A necessidade de criptografia faz-se no armazenamento ou no canal de comunicação? O armazenamento em repositório protegido já atenderia os requisitos de segurança? RESPOSTA 13: A necessidade da SEMGE é que os documentos sejam criptografados no upload e descriptografados no download, de acordo com o perfil dos usuários. QUESTIONAMENTO 14: No item menciona a permissão de uso de múltiplos repositórios. No nosso entendimento, múltiplos repositórios adicionam complexidade alta ao projeto e recorrentes problemas de sincronismo devido à falta de infraestrutura de redes mínima para tal atividade. Um repositório unificado e altamente responsivo atende melhor aos usuários. Detalhar, por favor, a infraestrutura de redes a ser utilizada entre os diferentes repositórios assim como a distribuição dos discos. O manuseio dos documentos nestes repositórios serão somente pesquisa ou envolverá edição? Uma pesquisa unificada dos repositórios apontando o link para os documentos atenderia o objetivo de localização dos documentos? RESPOSTA 14: Os requisitos da SEMGE requerem múltiplos repositórios ou repositório único em função da organização dos documentos por área de negócio. O manuseio do documento envolverá edição e controle de versão. A pesquisa deverá ser realizada através de metadados. QUESTIONAMENTO 15: Quanto ao item , é relevante a adição de comparação de resultados, não somente em tabelas, mas também em gráficos?

7 RESPOSTA 15: Este item será retirado. QUESTIONAMENTO 16: Quanto ao item , detalhar mais quais componentes pretende-se efetuar upgrade. Ex.: memória, disco, placa de rede, etc RESPOSTA 16: Qualquer item de hardware poderá sofrer upgrade, em função do volume de processos e de processamento, sem necessidade de alteração do licenciamento da solução.

8 EMPRESA C QUESTIONAMENTO 1: RESPOSTA 1: Incluir a permissão de subcontratação ou consórcio para o atendimento aos requisitos técnicos e funcionais. Será permitida a subcontratação, mas não o consórcio. QUESTIONAMENTO 2: Item é permitido que o atendimento aos requisitos seja feita com soluções distintas, desde que integradas entre si, não sendo permitida a integração em tempo de projeto. RESPOSTA 2: Não entendemos o questionamento/sugestão. Deve atender ao requisito As soluções de software que compõem a oferta devem ser nativamente integradas. QUESTIONAMENTO 3: Item deverá ser compatível com uma das seguintes versões do Sistema Operacional Windows (todas as versões sendo 64-bit). RESPOSTA 3: Aceito. Deverá ser compatível com uma das seguintes versões do Sistema Operacional Windows (todas as versões sendo 64-bit) o Windows Server 2008 o Windows Server 2012 ou superior QUESTIONAMENTO 4: RESPOSTA 4: Item o produto deve prover integração com LDAP e Microsoft Active Directory. Aceito. QUESTIONAMENTO 5: RESPOSTA 5: Item retirar esse item. Não será retirado. Este requisito é essencial para a PMS, pois a solução deve ser dotada com o menor nível de complexidade possível. QUESTIONAMENTO 6: RESPOSTA 6: Item retirar esse item. Aceito. QUESTIONAMENTO 7: RESPOSTA 7: Itens , , Matriz de Requisitos 68 e 69 retirar esses itens. Não será alterado. Este requisito é essencial para a PMS na questão de compliance e auditoria. QUESTIONAMENTO 8: RESPOSTA 8: Item incluir a versão JBoss 7.2 Aceito JBoss AS GA / 5.1 ou 7.2, instância default; QUESTIONAMENTO 9: Itens , , ,

9 RESPOSTA 9: Não será alterado. Este requisito é essencial para a PMS, pois a solução deve ser dotada com o menor nível de complexidade possível. QUESTIONAMENTO 10: Item especificar quais e como seriam essas regras. RESPOSTA 10: Essas são regras referentes ao processo de negócio desenhado/parametrizado. QUESTIONAMENTO 11: Matriz de Requisitos 38 permitir a criação de formulários eletrônicos com recurso de drag-and-drop de campos de tela ou com recursos que facilitem a criação de formulários. RESPOSTA 11: Não será aceito. Os recursos não foram especificados. QUESTIONAMENTO 12: Matriz de Requisitos 93 - Especificar quais e como seriam essas regras. RESPOSTA 12: Não entendemos o questionamento / proposição. QUESTIONAMENTO 13: Matriz de Requisitos 3 - Permitir a criação de formulários eletrônicos com recurso de drag-and-drop de campos de tela ou com recursos que facilitem a criação de formulários. RESPOSTA 13: Não entendemos o questionamento / proposição. QUESTIONAMENTO 14: Matriz de Requisitos 46 - Permitir a construção de regras dinâmicas de dependência entre campos de tela. RESPOSTA 14: Não será alterado. Este requisito é essencial para a PMS. QUESTIONAMENTO 15: Matriz de Requisitos 64 - Permitir replicar acessibilidade de campos de tela para diferentes atividades dentro do processo. RESPOSTA 15: Não será alterado. Este requisito é essencial para a PMS. QUESTIONAMENTO 16: Item retirar esse item. RESPOSTA 16: Não será alterado. Este requisito é essencial para a PMS.

10 EMPRESA D QUESTIONAMENTO 1: Item sugerimos alterar para aceitar as versões mencionadas ou versões superiores, evitando-se assim uma restrição de participação devido a uma versão antiga que não seja mais suportada. RESPOSTA 1: Aceito. Deverá ser compatível com uma das seguintes versões do Sistema Operacional Windows (todas as versões sendo 64-bit) o Windows Server 2008 o Windows Server 2012 ou superior QUESTIONAMENTO 2: Sugestões de inclusão: 1. Workspace Dinâmica Permitir personalização do posicionamento dos painéis na Área de Trabalho na workspace de acordo com a necessidade do usuário. Permitir o uso de tecnologia de HTML responsivo para utilização da solução em qualquer dispositivo móvel. Permitir alocação dos componentes de tela de acordo com a necessidade do usuário / processo 2. Mobilidade Permitir acesso à solução completa através de dispositivos móveis. 3. Chamada de Aplicações Web Permite configurar a chamada de aplicações web dentro da workspace do usuário 4. Colaboração Permitir a comunicação entre usuários de um mesmo processo on-line e off-line 5. Motor de busca Permite fazer pesquisas personalizadas de processos dinamicamente na workspace do usuário. 6. Perfil de Acesso Permite criar perfis de acesso a serem associados aos usuários. 7. Biblioteca de Processos Deve permitir a reutilização de um processo (desenho) como modelo de desenvolvimento de um novo processo. 8. Calendário GMT Deve permitir calendário GMT, respeitando os horários locais onde as atividades serão executadas. 9. Persistência de Dados Deve permitir configurar a exportação de dados de negocio da transação para uma base de dados externa (Oracle ou SQL). RESPOSTA 2: Sugestões acima não serão aceitas.

11 EMPRESA E QUESTIONAMENTO 1: O item 3.1 estabelece a quantidade mínima de duas entidades declarando que a proponente forneceu licenças e prestou suporte técnico em produtos semelhantes, enquanto o item 5.1 exige atestados referentes a produtos do mesmo fabricante, sem especificar quantidade de entidades. Entendemos que esses dois itens deveriam ser mesclados no edital, assim como removido o quantitativo mínimo de entidades, o que, de fato, não contribui com a especificação do produto e apenas restringe a participação de empresas no certame. A nova redação, dessa forma, poderia ser "Um ou mais atestados fornecidos por entidades de direito público ou privado, declarando que a Proponente forneceu licenças e prestou suporte técnico de produtos do mesmo fabricante e da mesma linha do objeto desse edital". RESPOSTA 1: De acordo. Será alterado. QUESTIONAMENTO 2: Os itens 1.2, , , , e especificam que o sistema deve conter recursos de Gestão de Conteúdo nativo e integrado à solução. Sugerimos que tal exigência seja removida do Termo de Referência pelas seguintes razões: o a) Estas funcionalidades podem ser realizadas a partir de integração nativa da solução BPMS com diversos outros produtos, como, por exemplo, Microsoft SharePoint, Documentum, etc., com a mesma eficiência e apresentando os mesmos resultados e benefícios para a Prefeitura; o b) A manutenção dessa exigência tornaria o Termo de Referência demasiadamente restritivo, com risco de onerar os cofres públicos, sem que isso se traduzisse em benefício real para a SEMGE. RESPOSTA 2: Não será alterado. Este requisito é essencial para a PREFEITURA MUNICIPAL DO SALVADOR, pois a solução deve ser dotada com o menor nível de complexidade possível, conforme segue: o A solução deverá ter suporte de um único fabricante para evitar maior tempo de identificação dos problemas apontados durante a operação. o A solução deverá conviver num único ambiente com a finalidade de evitar necessidade de configurações adicionais de software e equipamentos. o Deverá minimizar o tempo de configuração e administração do ambiente. o Evitará a necessidade de realizar capacitação em diferentes ferramentas que comporão a solução. o O objetivo dessa exigência é minimizar os riscos de onerar os cofres públicos durante implantação e operação da solução. QUESTIONAMENTO 3: Da mesma forma, os itens 1.3 e estabelecem que a solução deve prover certificação digital de processo, requisito que concordamos ser necessário. Sugerimos, porém, que seja incluído no texto do Termo de Referência a possibilidade da certificação digital ser contemplada através de integração com outras ferramentas, e não obrigatoriamente de forma nativa na ferramenta BPMS. Tal sugestão visa, da mesma forma, ampliar as possibilidades para a SEMGE, bem como preservar recursos públicos. RESPOSTA 3: Não será alterado. Este requisito segue a mesma linha de raciocínio na RESPOSTA 2.

12 QUESTIONAMENTO 4: Visando aprimorar a definição dos requisitos da ferramenta e ao mesmo tempo assegurar que o produto a ser contratado apresente características adequadas de usabilidade, segurança e integração, propomos que sejam incluídas no Termo de Referência as seguintes especificações: o a) Quanto ao Modelo de Dados O modelador de dados da ferramenta deverá ser integrado de forma nativa à solução, possibilitando a edição gráfica do modelo, bem como oferecer suporte para modelos de dados e relacionamentos estruturados entre entidades e para diferentes tipos de entidades de dados e relacionamentos. Deverá permitir o compartilhamento e reutilização de modelos de dados entre diferentes processos, sem necessidade de duplicação ou cópia, conferindo ganhos de produtividade ao usuário. o b) Quanto à Integração com Sistemas Externos Deverá disponibilizar assistentes gráficos para tarefas de integração com sistemas externos, tornando-as mais simples e rápidas, abrangendo: Integração com bancos de dados externos, sem necessidade de programação; Virtualização de dados, exibindo os dados diretamente da fonte externa, sem necessidade de replicação ou cópia; Replicação de dados; Descoberta da definição de webservices e construção do mapeamento de campos; Mapeamento entre o modelo de dados do processo e os parâmetros do processo; Integração entre webservices e o processo sem necessidade de programação. o c) Quanto à Modelagem e Execução de Processos Oferecer suporte completo à notação BPMN 2.0 A execução do processo deverá ser fiel ao desenho do modelo. o d) Quanto à Geração de Documentos Suportar a criação de modelos de documentos, sem programação Suportar a geração de arquivos PDF dinâmicos de dados do processo, sem programação Suportar a geração de arquivos dinâmicos do Excel de dados do processo, sem programação Suportar a geração de arquivos do Word dinâmicas de dados do processo, sem programação RESPOSTAS 4: Resposta do item 4.a.: Não serão incluídos. A PMS espera da solução que à medida que se modele os processos, o modelo de dados seja configurado automaticamente, isto é, sem necessidade de se realizar modelagem prévia, permitindo ainda que haja o reaproveitamento do modelo de um processo em outros processos. Resposta dos itens 4.b, 4.c e 4.d: Os itens aqui relatados que a PMS entende como requisitos necessários à solução já estão contemplados neste TR. Salvador, 07 de maio de Alexsandro Abreu de Lima Andréa Simões Dalton Andrade Gerente GPLAN/COGEL Analista de Sistemas Analista de Sistemas

Alfresco Content Management

Alfresco Content Management Alfresco Content Management Alfresco é um sistema ECM (Enterprise Content Management) também conhecido como GED (Gestão Eletrônica de Documentos) em nosso mercado de porte corporativo para atender a empresas

Leia mais

A R P O BPMN++ MODELER KLUG PROCESSO PARA DOWNLOAD E INSTALAÇÃO VERSÃO FREEWARE. Verificar requisitos para instalação. Testar instalação do software

A R P O BPMN++ MODELER KLUG PROCESSO PARA DOWNLOAD E INSTALAÇÃO VERSÃO FREEWARE. Verificar requisitos para instalação. Testar instalação do software A R P O KLUG BPMN++ MODELER PROCESSO PARA DOWNLOAD E INSTALAÇÃO VERSÃO FREEWARE Verificar requisitos para instalação Iniciar procedimento de instalação Executar procedimento de instalação Efetuar primeiro

Leia mais

TERMO DE REFERÊNCIA TÍTULO: Termo de Referência para contratação de ferramenta case de AD. GECOQ Gerência de Controle e Qualidade 1/9

TERMO DE REFERÊNCIA TÍTULO: Termo de Referência para contratação de ferramenta case de AD. GECOQ Gerência de Controle e Qualidade 1/9 TÍTULO: ASSUNTO: GESTOR: TERMO DE REFERÊNCIA Termo de Referência para contratação de ferramenta case de AD DITEC/GECOQ Gerência de Controle e Qualidade ELABORAÇÃO: PERÍODO: GECOQ Gerência de Controle e

Leia mais

CSI IT Solutions. Facilidade de uso

CSI IT Solutions. Facilidade de uso CSI IT Solutions WebReport2 Gestão de Ambiente de Impressão O CSI WebReport dá aos gestores de TI o poder de uma gestão integral através do acesso fácil às informações gerenciais de impressões. O sistema

Leia mais

Implantação de Auditoria para o Ambiente Microsoft nos Serviços de AD, File Server e Exchange Server do FNDE

Implantação de Auditoria para o Ambiente Microsoft nos Serviços de AD, File Server e Exchange Server do FNDE Implantação de Auditoria para o Ambiente Microsoft nos Serviços de AD, File Server e Exchange Server do FNDE Planejamento da Contratação Especificações Técnicas Versão 3.0 Página 1 de 18 Planejamento Termo

Leia mais

GOVBR- UEM-MARINGA PREFEITURA MUNICIPAL DE PEROLA

GOVBR- UEM-MARINGA PREFEITURA MUNICIPAL DE PEROLA GERENCIAMENTO DE PROJETOS PRONIM, IMPLANTAÇÃO SQL SERVER GOVBR- UEM-MARINGA PREFEITURA MUNICIPAL DE PEROLA Cliente GOVBR, UEM-MARINGA / Prefeitura Municipal de PEROLA Data 10/09/2015 Versão 1.0 Objeto:

Leia mais

CSI IT Solutions. WebReport2.5. Relatórios abertos. Acesso controlado Extensibilidade de módulos IMPACTO AMBIENTAL

CSI IT Solutions. WebReport2.5. Relatórios abertos. Acesso controlado Extensibilidade de módulos IMPACTO AMBIENTAL CSI IT Solutions 2.5 solução CSI PrintManager G e s t ã o d e A m b i e n t e d e I m p r e s s ã o O CSI dá aos gestores de TI o poder de uma gestão integral através do acesso fácil às informações gerenciais

Leia mais

Inicialização Rápida do Novell Vibe Mobile

Inicialização Rápida do Novell Vibe Mobile Inicialização Rápida do Novell Vibe Mobile Março de 2015 Introdução O acesso móvel ao site do Novell Vibe pode ser desativado por seu administrador do Vibe. Se não conseguir acessar a interface móvel do

Leia mais

PSQT Prêmio SESI Qualidade no Trabalho

PSQT Prêmio SESI Qualidade no Trabalho ANEXO II PSQT Prêmio SESI Qualidade no Trabalho Manutenção Evolutiva Modelo: 4.0 Sistema Indústria, 2008 Página 1 de 18 Histórico da Revisão Data Descrição Autor 06/12/2007 Necessidades para atualização

Leia mais

Termo de Referência. Anexo II - Especificações Técnicas - Requisitos Funcionais. Diretoria Técnica-Operacional. Gerência de Tecnologia da Informação

Termo de Referência. Anexo II - Especificações Técnicas - Requisitos Funcionais. Diretoria Técnica-Operacional. Gerência de Tecnologia da Informação Diretoria Técnica-Operacional Gerência de Tecnologia da Informação Termo de Referência Anexo II Especificação Técnica 1 - INTRODUÇÃO Página 2 de 9 do TR-007-3700 de Este anexo tem por objetivo detalhar

Leia mais

Apresentação 3. Sobre a Módulo Risk Manager Academy 3. Portfólio 4

Apresentação 3. Sobre a Módulo Risk Manager Academy 3. Portfólio 4 2 Apresentação 3 Sobre a Módulo Risk Manager Academy 3 Portfólio 4 RM-01 Conheça o Módulo Risk Manager 4 RM-02 Meu Espaço e Navegação Básica 6 RM-03 Modelando a Organização 8 RM-05 Conhecimentos para Gestão

Leia mais

A melhor ferramenta para criar e gerenciar Nota Fiscal Eletrônica

A melhor ferramenta para criar e gerenciar Nota Fiscal Eletrônica A melhor ferramenta para criar e gerenciar Nota Fiscal Eletrônica Gestor NFe Características Tecnologia Diferenciais Como Instalar e Licenciar Custos Contatos Características O objetivo do Gestor NFe é

Leia mais

Secullum Acesso.Net ESPECIFICAÇÕES TÉCNICAS. Secullum Acesso.Net. Ficha Técnica. Serviço de Comunicação. Módulo. Estacionamento.

Secullum Acesso.Net ESPECIFICAÇÕES TÉCNICAS. Secullum Acesso.Net. Ficha Técnica. Serviço de Comunicação. Módulo. Estacionamento. ESPECIFICAÇÕES TÉCNICAS Serviço de Comunicação Secullum Acesso.Net Estacionamento Gerencial Integração CFTV Pessoal Recepção Refeitório Automação Sistema Operacional: compatível com Windows XP ou superior

Leia mais

Requisitos do Sistema

Requisitos do Sistema PJ8D - 017 ProJuris 8 Desktop Requisitos do Sistema PJ8D - 017 P á g i n a 1 Sumario Sumario... 1 Capítulo I - Introdução... 2 1.1 - Objetivo... 2 1.2 - Quem deve ler esse documento... 2 Capítulo II -

Leia mais

Mandriva Pulse - Especificações e recursos

Mandriva Pulse - Especificações e recursos Mandriva Pulse - Especificações e recursos Mandriva Brasil 2 de abril de 2015 Lista de Tabelas 1 Tabela resumo dos diferenciais do Pulse....................... 9 Lista de Figuras 1 Interface web do Mandriva

Leia mais

Aplicativo da Manifestação do Destinatário. Manual

Aplicativo da Manifestação do Destinatário. Manual Aplicativo da Manifestação do Destinatário Manual Novembro de 2012 1 Sumário 1 Aplicativo de Manifestação do Destinatário...4 2 Iniciando o aplicativo...4 3 Menus...5 3.1 Manifestação Destinatário...5

Leia mais

Principais diferenciais do Office 365

Principais diferenciais do Office 365 Guia de compras O que é? é um pacote de soluções composto por software e serviços, conectados à nuvem, que fornece total mobilidade e flexibilidade para o negócio. Acessível de qualquer dispositivo e qualquer

Leia mais

Automidia Service Management Provisionamento para o AD integrado ao Service Desk

Automidia Service Management Provisionamento para o AD integrado ao Service Desk Automidia Service Management Provisionamento para o AD integrado ao Service Desk Agenda Objetivos Agenda Histórico e Motivação 05 mins Características da Aplicação 20 mins Apresentação Software 15 mins

Leia mais

Anexo V - Planilha de Apuração Aquisição de Solução de Redes Sociais

Anexo V - Planilha de Apuração Aquisição de Solução de Redes Sociais Anexo V - Planilha de Apuração Aquisição de Solução de Redes Sociais Será utilizado o seguinte critério: Atende / Não atende (Atende em parte será considerado Não atende) Item Itens a serem avaliados conforme

Leia mais

MozyPro Guia do administrador Publicado: 2013-07-02

MozyPro Guia do administrador Publicado: 2013-07-02 MozyPro Guia do administrador Publicado: 2013-07-02 Sumário Prefácio: Prefácio...vii Capítulo 1: Apresentação do MozyPro...9 Capítulo 2: Noções básicas sobre os Conceitos do MozyPro...11 Noções básicas

Leia mais

Leve seus formulários... Não o papel! Documentos corporativos nunca foram tão leves e fáceis de carregar.

Leve seus formulários... Não o papel! Documentos corporativos nunca foram tão leves e fáceis de carregar. Leve seus formulários... Não o papel! Documentos corporativos nunca foram tão leves e fáceis de carregar. Você sabia que? 80% da impressão corporativa está relacionada a transações* Tal como: - Faturas

Leia mais

BI Citsmart Fornece orientações necessárias para instalação, configuração e utilização do BI Citsmart.

BI Citsmart Fornece orientações necessárias para instalação, configuração e utilização do BI Citsmart. 16/08/2013 BI Citsmart Fornece orientações necessárias para instalação, configuração e utilização do BI Citsmart. Versão 1.0 19/12/2014 Visão Resumida Data Criação 19/12/2014 Versão Documento 1.0 Projeto

Leia mais

Version Notes (Notas da versão) Versão 4.10.1.8-05-12-2012

Version Notes (Notas da versão) Versão 4.10.1.8-05-12-2012 Florianópolis, 05 de dezembro de 2012. Abaixo você confere as características e funcionalidades da nova versão 4.10.1.8-05-12-2012 do Channel. Para quaisquer dúvidas ou na necessidade de maiores esclarecimentos,

Leia mais

Manual Vivo Sync. Manual do Usuário. Versão 1.0.0. Copyright Vivo 2013. http://vivosync.com.br

Manual Vivo Sync. Manual do Usuário. Versão 1.0.0. Copyright Vivo 2013. http://vivosync.com.br Manual do Usuário Versão 1.0.0 Copyright Vivo 2013 http://vivosync.com.br 1 1 Índice 1 Índice... 2 2 Vivo Sync... 5 3 Vivo Sync Web... 6 3.1 Página Inicial... 6 3.1.1 Novo Contato... 7 3.1.2 Editar Contato...

Leia mais

Manual do Usuário Características e recursos básicos Enterprise Resource Planning

Manual do Usuário Características e recursos básicos Enterprise Resource Planning Manual do Usuário Características e recursos básicos Enterprise Resource Planning www.pwi.com.br 1 Volpe Enterprise Resource Planning Este manual não pode, em parte ou no seu todo, ser copiado, fotocopiado,

Leia mais

Manual de utilização do STA Web

Manual de utilização do STA Web Sistema de Transferência de Arquivos Manual de utilização do STA Web Versão 1.1.7 Sumário 1 Introdução... 3 2 Segurança... 3 2.1 Autorização de uso... 3 2.2 Acesso em homologação... 3 2.3 Tráfego seguro...

Leia mais

PAINEL MANDIC CLOUD. Mandic. Somos Especialistas em Cloud. Manual do Usuário

PAINEL MANDIC CLOUD. Mandic. Somos Especialistas em Cloud. Manual do Usuário Mandic. Somos Especialistas em Cloud. PAINEL MANDIC CLOUD Manual do Usuário 1 BEM-VINDO AO SEU PAINEL DE CONTROLE ESTE MANUAL É DESTINADO AO USO DOS CLIENTES DA MANDIC CLOUD SOLUTIONS COM A CONTRATAÇÃO

Leia mais

PORTFÓLIO DO MÓDULO RISK MANAGER (INSTALAÇÃO PADRÃO)...5. RM-01 Conheça o Módulo Risk Manager...5. RM-02 Meu Espaço e Navegação Básica...

PORTFÓLIO DO MÓDULO RISK MANAGER (INSTALAÇÃO PADRÃO)...5. RM-01 Conheça o Módulo Risk Manager...5. RM-02 Meu Espaço e Navegação Básica... 1 2 PORTFÓLIO DO MÓDULO RISK MANAGER (INSTALAÇÃO PADRÃO)...5 RM-01 Conheça o Módulo Risk Manager...5 RM-02 Meu Espaço e Navegação Básica...7 RM-03 Modelando a Organização...9 RM-04B Administralção Controle

Leia mais

Andarta - Guia de Instalação. Guia de Instalação

Andarta - Guia de Instalação. Guia de Instalação Guia de Instalação 29 de setembro de 2010 1 Sumário Introdução... 3 Os Módulos do Andarta... 4 Instalação por módulo... 6 Módulo Andarta Server... 6 Módulo Reporter... 8 Módulo Agent... 9 Instalação individual...

Leia mais

Qlik Sense Desktop. Qlik Sense 2.0.2 Copyright 1993-2015 QlikTech International AB. Todos os direitos reservados.

Qlik Sense Desktop. Qlik Sense 2.0.2 Copyright 1993-2015 QlikTech International AB. Todos os direitos reservados. Qlik Sense Desktop Qlik Sense 2.0.2 Copyright 1993-2015 QlikTech International AB. Todos os direitos reservados. Copyright 1993-2015 QlikTech International AB. Todos os direitos reservados. Qlik, QlikTech,

Leia mais

Guia de Introdução ao Windows SharePoint Services

Guia de Introdução ao Windows SharePoint Services Guia de Introdução ao Windows SharePoint Services - Windows SharePoint Services... Page 1 of 11 Windows SharePoint Services Guia de Introdução ao Windows SharePoint Services Ocultar tudo O Microsoft Windows

Leia mais

INTERLIMS SISTEMA DE GERENCIAMENTO DE INFORMAÇÕES PARA LABORATÓRIOS DE ANÁLISES DE ÁGUA

INTERLIMS SISTEMA DE GERENCIAMENTO DE INFORMAÇÕES PARA LABORATÓRIOS DE ANÁLISES DE ÁGUA INTERLIMS SISTEMA DE GERENCIAMENTO DE INFORMAÇÕES PARA LABORATÓRIOS DE ANÁLISES DE ÁGUA INTERLIMS SISTEMA DE GERENCIAMENTO DE INFORMAÇÕES PARA LABORATÓRIOS DE ANÁLISES DE ÁGUA O InterLIMS se apresenta

Leia mais

Novas opções de Gerenciamento de Dispositivos do Windows *

Novas opções de Gerenciamento de Dispositivos do Windows * Informe Processadores Intel Core de 4ª geração e processadores Intel Atom Mobilidade com a Intel e o Windows 8.1* Novas opções de Gerenciamento de Dispositivos do Windows * O que levar em conta ao decidir

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DE LAGOA SANTA COMISSÃO PERMANENTE DE LICITAÇÃO CEP 33400-000 - ESTADO DE MINAS GERAIS

PREFEITURA MUNICIPAL DE LAGOA SANTA COMISSÃO PERMANENTE DE LICITAÇÃO CEP 33400-000 - ESTADO DE MINAS GERAIS ERRATA E REABERTURA PROCESSO LICITATÓRIO N 097/2011 MODALIDADE: PREGÃO PRESENCIAL RP N 061/2011 OBJETO: AQUISIÇÃO DE SISTEMA DE ARMAZENAMENTO DE DADOS CENTRALIZADOS (STORAGE) E DE SISTEMA DE CÓPIA DE SEGURANÇA

Leia mais

Informe 2015. Foxit PDF Security Suite Integrado com o Serviço de Gerenciamento de Direitos do Microsoft Active Directory

Informe 2015. Foxit PDF Security Suite Integrado com o Serviço de Gerenciamento de Direitos do Microsoft Active Directory Informe 2015 Foxit PDF Security Suite Integrado com o Serviço de Gerenciamento de Direitos do Microsoft Active Directory Sumário Introdução... 3 Ambientes do Foxit PDF Security Suite... 4 Aplicar políticas

Leia mais

Companhia de Tecnologia da Informação do Estado de Minas Gerais - Prodemge. Manual do Usuário. Versão 1.1. ExpressoMG

Companhia de Tecnologia da Informação do Estado de Minas Gerais - Prodemge. Manual do Usuário. Versão 1.1. ExpressoMG Companhia de Tecnologia da Informação do Estado de Minas Gerais - Prodemge Manual do Usuário Versão 1.1 ExpressoMG 14/10/2015 Sumário 1. Apresentação... 4 1.1 Objetivos do Manual... 4 1.2 Público Alvo...

Leia mais

Diveo Exchange OWA 2007

Diveo Exchange OWA 2007 Diveo Exchange OWA 2007 Manual do Usuário v.1.0 Autor: Cícero Renato G. Souza Revisão: Antonio Carlos de Jesus Sistemas & IT Introdução... 4 Introdução ao Outlook Web Access 2007... 4 Quais são as funcionalidades

Leia mais

Plataforma de Business Intelligence

Plataforma de Business Intelligence Plataforma de Business Intelligence ASTEN TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO A Asten é uma empresa do ramo da tecnologia da informação (TI) que tem seu foco na busca por soluções inovadoras. Nosso slogan criando

Leia mais

ATA DE REUNIÃO. 1) Recebimento de eventuais questionamentos e/ou solicitações de esclarecimentos Até 18/02/2009 às 18:00 horas;

ATA DE REUNIÃO. 1) Recebimento de eventuais questionamentos e/ou solicitações de esclarecimentos Até 18/02/2009 às 18:00 horas; ATA DE REUNIÃO CONSULTA PÚBLICA PARA AQUISIÇÃO DE SOLUÇÃO WEB-EDI Troca Eletrônica de Dados. Local Dataprev Rua Cosme Velho nº 06 Cosme Velho Rio de Janeiro / RJ. Data: 06/03/2009 10:30 horas. Consolidação

Leia mais

Implementação do Office365. O365 Migração de usuários. Preparado por: Edilson Alves da Nóbrega Divisão de Informática Administração Central

Implementação do Office365. O365 Migração de usuários. Preparado por: Edilson Alves da Nóbrega Divisão de Informática Administração Central Implementação do Office365 O365 Migração de usuários Preparado por: Edilson Alves da Nóbrega Divisão de Informática Administração Central Abril de 2015 Controle de Versões Registro Data Autor Versão Histórico

Leia mais

Procedimentos para Reinstalação do Sisloc

Procedimentos para Reinstalação do Sisloc Procedimentos para Reinstalação do Sisloc Sumário: 1. Informações Gerais... 3 2. Criação de backups importantes... 3 3. Reinstalação do Sisloc... 4 Passo a passo... 4 4. Instalação da base de dados Sisloc...

Leia mais

Nexcode Systems, todos os direitos reservados. Documento versão 15.1.1 1

Nexcode Systems, todos os direitos reservados. Documento versão 15.1.1 1 Nexcode Systems, todos os direitos reservados. Documento versão 15.1.1 1 1 - INTRODUÇÃO NEXCODE CONTROLS, também conhecido como NEXCON, é um conjunto de soluções de software desenvolvidas pela Nexcode

Leia mais

Padrão ix. Q-Ware Cloud File Publisher Manual do Usuário QWCFP. Versão 1.2.0.1

Padrão ix. Q-Ware Cloud File Publisher Manual do Usuário QWCFP. Versão 1.2.0.1 Padrão ix Q-Ware Cloud File Publisher Manual do Usuário QWCFP Versão 1.2.0.1 Copyright 2000-2014 Padrão ix Sistemas Abertos Ltda. Todos os direitos reservados. As informações contidas neste manual estão

Leia mais

DOCUMENTO DE REGRAS DE NEGÓCIO

DOCUMENTO DE REGRAS DE NEGÓCIO SISGED - SISTEMA DE GERENCIAMENTO ELETRÔNICO DE DOCUMENTOS DOCUMENTO DE REGRAS DE NEGÓCIO VERSÃO 1.0 HISTÓRICO DE REVISÃO Data Versão Descrição Autor 04/2011 1.0 Primeira versão. Priscila Drielle Sumário

Leia mais

iextranet A solução inovadora em gerenciamento e compartilhamento seguro de arquivos e de ambiente colaborativo www.oodrive.com

iextranet A solução inovadora em gerenciamento e compartilhamento seguro de arquivos e de ambiente colaborativo www.oodrive.com A solução inovadora em gerenciamento e compartilhamento seguro de arquivos e de ambiente colaborativo www.oodrive.com Nunca foi tão simples administrar e compartilhar arquivos! Colabore com eficácia e

Leia mais

Intranet Social. Parceiro Autorizado Brasil RAD Soluções (51) 3377-4691 www.radsolucoes.com.br. Veja o video com legendas on YouTube.

Intranet Social. Parceiro Autorizado Brasil RAD Soluções (51) 3377-4691 www.radsolucoes.com.br. Veja o video com legendas on YouTube. Veja o video com legendas on YouTube.com Intranet Social Parceiro Autorizado Brasil RAD Soluções (51) 3377-4691 www.radsolucoes.com.br www.bitrix24.com 0 O que é Bitrix24? Bitrix24 é uma solução para intranet

Leia mais

Introdução a listas - Windows SharePoint Services - Microsoft Office Online

Introdução a listas - Windows SharePoint Services - Microsoft Office Online Page 1 of 5 Windows SharePoint Services Introdução a listas Ocultar tudo Uma lista é um conjunto de informações que você compartilha com membros da equipe. Por exemplo, você pode criar uma folha de inscrição

Leia mais

Manual Vivo Sync. Manual do Usuário. Versão 1.0.0. Copyright Vivo 2013. http://vivosync.com.br

Manual Vivo Sync. Manual do Usuário. Versão 1.0.0. Copyright Vivo 2013. http://vivosync.com.br Manual do Usuário Versão 1.0.0 Copyright Vivo 2013 http://vivosync.com.br 1 1 Índice 1 Índice... 2 2 Vivo Sync... 4 3 Vivo Sync Web... 5 3.1 Página Inicial... 5 3.1.1 Novo Contato... 6 3.1.2 Editar Contato...

Leia mais

A CMNet disponibilizou no dia 24 de junho para download no Mensageiro a nova versão do Padrão dos Sistemas CMNet.

A CMNet disponibilizou no dia 24 de junho para download no Mensageiro a nova versão do Padrão dos Sistemas CMNet. Prezado Cliente, A CMNet disponibilizou no dia 24 de junho para download no Mensageiro a nova versão do Padrão dos Sistemas CMNet. No Padrão 9 você encontrará novas funcionalidades, além de alterações

Leia mais

Padrão ix. Q-Ware Cloud File Publisher - QWCFP Manual do Gestor de Grupo. Versão 1.0.1.0

Padrão ix. Q-Ware Cloud File Publisher - QWCFP Manual do Gestor de Grupo. Versão 1.0.1.0 Padrão ix Q-Ware Cloud File Publisher - QWCFP Manual do Gestor de Grupo Versão 1.0.1.0 Copyright 2000-2014 Padrão ix Sistemas Abertos Ltda. Todos os direitos reservados. As informações contidas neste manual

Leia mais

Kaspersky Endpoint Security e o gerenciamento. Migração e novidades

Kaspersky Endpoint Security e o gerenciamento. Migração e novidades Kaspersky Endpoint Security e o gerenciamento. Migração e novidades Treinamento técnico KL 202.10 Treinamento técnico KL 202.10 Kaspersky Endpoint Security e o gerenciamento. Migração e novidades Migração

Leia mais

Soluções corporativas personalizadas com o Microsoft Exchange 2010 e o Cisco Unified Computing System (UCS)

Soluções corporativas personalizadas com o Microsoft Exchange 2010 e o Cisco Unified Computing System (UCS) Soluções corporativas personalizadas com o Microsoft Exchange 2010 e o Cisco Unified Computing System (UCS) Hoje é fundamental para as empresas poder contar com recursos de comunicação, mobilidade, flexibilidade

Leia mais

OneDrive: saiba como usar a nuvem da Microsoft

OneDrive: saiba como usar a nuvem da Microsoft OneDrive: saiba como usar a nuvem da Microsoft O OneDrive é um serviço de armazenamento na nuvem da Microsoft que oferece a opção de guardar até 7 GB de arquivos grátis na rede. Ou seja, o usuário pode

Leia mais

Automidia Service Management Desbloqueio de Contas e Provisionamento via Autoatendimento

Automidia Service Management Desbloqueio de Contas e Provisionamento via Autoatendimento Automidia Service Management Desbloqueio de Contas e Provisionamento via Autoatendimento Automidia Quem Somos Empresa Brasileira, fundada em 1992 Desenvolvimento de Softwares Centrais de Serviços, Service

Leia mais

CONTROL YOUR INFORMATION BEFORE IT CONTROLS YOU

CONTROL YOUR INFORMATION BEFORE IT CONTROLS YOU CONTROL YOUR INFORMATION BEFORE IT CONTROLS YOU Gestão integrada de documentos e processos A gestão de documentos é um processo essencial ao bom desempenho de uma em pres a e um reflexo de sua organização

Leia mais

Positivo Network Manager 4

Positivo Network Manager 4 Positivo Network Manager 4 O gerenciamento eficiente de informações e de tecnologia da informação (TI) é um fator reconhecidamente crítico na maioria das organizações. As informações e as tecnologias que

Leia mais

LEI DE ACESSO A INFORMAÇÃO DIREITO DO CIDADÃO

LEI DE ACESSO A INFORMAÇÃO DIREITO DO CIDADÃO DESCRIÇÃO DO SIGAI O SIGAI (Sistema Integrado de Gestão do Acesso à Informação) é uma solução de software que foi desenvolvida para automatizar os processos administrativos e operacionais visando a atender

Leia mais

Procedimentos para Instalação do SISLOC

Procedimentos para Instalação do SISLOC Procedimentos para Instalação do SISLOC Sumário 1. Informações Gerais...3 2. Instalação do SISLOC...3 Passo a passo...3 3. Instalação da Base de Dados SISLOC... 11 Passo a passo... 11 4. Instalação de

Leia mais

Manual de Instalação Corporate

Manual de Instalação Corporate Manual de Instalação Corporate Sumário 1. Sobre este documento...3 2. Suporte técnico...3 3. Requisitos de hardware...3 3.1. Estação...3 3.2. Servidor...4 4. Instalação...4 4.1. Instalação do Imobiliária21

Leia mais

Version Notes (Notas da versão) Versão 4.11.1.7-26-02-2013

Version Notes (Notas da versão) Versão 4.11.1.7-26-02-2013 Florianópolis, 26 de fevereiro de 2013. Abaixo você confere as características e funcionalidades da nova versão 4.11.1.7 do Channel. Para quaisquer dúvidas ou na necessidade de maiores esclarecimentos,

Leia mais

Symantec Backup Exec 12.5 for Windows Servers. Guia de Instalação Rápida

Symantec Backup Exec 12.5 for Windows Servers. Guia de Instalação Rápida Symantec Backup Exec 12.5 for Windows Servers Guia de Instalação Rápida 13897290 Instalação do Backup Exec Este documento contém os seguintes tópicos: Requisitos do sistema Antes de instalar Sobre a conta

Leia mais

Requisitos técnicos dos produtos Thema

Requisitos técnicos dos produtos Thema Requisitos técnicos dos produtos Thema 1 Sumário 2 Apresentação...3 3 Servidor de banco de dados Oracle...4 4 Servidor de aplicação Linux...4 5 Servidor de terminal service para acessos...4 6 Servidor

Leia mais

Shavlik Protect. Guia de Atualização

Shavlik Protect. Guia de Atualização Shavlik Protect Guia de Atualização Copyright e Marcas comerciais Copyright Copyright 2009 2014 LANDESK Software, Inc. Todos os direitos reservados. Este produto está protegido por copyright e leis de

Leia mais

Volpe Enterprise Resource Planning

Volpe Enterprise Resource Planning Volpe Enterprise Resource Planning Este manual não pode, em parte ou no seu todo, ser copiado, fotocopiado, reproduzido, traduzido ou reduzido a qualquer mídia eletrônica ou máquina de leitura, sem a expressa

Leia mais

Sistema de Geração de Sítios e Manutenção de Conteúdo: uma solução incorporando regras de acessibilidade

Sistema de Geração de Sítios e Manutenção de Conteúdo: uma solução incorporando regras de acessibilidade Sistema de Geração de Sítios e Manutenção de Conteúdo: uma solução incorporando regras de acessibilidade Ilan Chamovitz Datasus Departamento de Informática e Informação do SUS Ministério da Saúde - Brasil

Leia mais

XDR. Solução para Big Data.

XDR. Solução para Big Data. XDR Solução para Big Data. ObJetivo Principal O volume de informações com os quais as empresas de telecomunicações/internet têm que lidar é muito grande, e está em constante crescimento devido à franca

Leia mais

www.cingo.com.br www.cingo.com.br

www.cingo.com.br www.cingo.com.br www.cingo.com.br Cingo Release 2.6 Release 2.6 Cingo Release 2.6 Com o objetivo de tornar a experiência de navegação e a dinâmica de gestão muito mais natural e objetiva, o Cingo CODES trás uma nova experiência

Leia mais

ANEXO 9 DO PROJETO BÁSICO DA FERRAMENTA DE MONITORAMENTO, SEGURANÇA E AUDITORIA DE BANCO DE DADOS

ANEXO 9 DO PROJETO BÁSICO DA FERRAMENTA DE MONITORAMENTO, SEGURANÇA E AUDITORIA DE BANCO DE DADOS ANEXO 9 DO PROJETO BÁSICO DA FERRAMENTA DE MONITORAMENTO, SEGURANÇA E AUDITORIA DE BANCO DE DADOS Sumário 1. Finalidade... 2 2. Justificativa para contratação... 2 3. Premissas para fornecimento e operação

Leia mais

Padrões de Contagem de Pontos de Função

Padrões de Contagem de Pontos de Função Padrões de Contagem de Pontos de Função Contexto Versão: 1.0.0 Objetivo O propósito deste documento é apresentar os padrões estabelecidos para utilização da técnica de Análise de Pontos de Função no ambiente

Leia mais

Módulo de Gestores. Utilizaremos telas do Módulo de Gestores (Homologação): http://siops-homologa2.datasus.gov.br

Módulo de Gestores. Utilizaremos telas do Módulo de Gestores (Homologação): http://siops-homologa2.datasus.gov.br Módulo de Gestores Módulo de Gestores Utilizaremos telas do Módulo de Gestores (Homologação): http://siops-homologa2.datasus.gov.br Módulo de Gestores As telas oficiais do Módulo de Gestores estão disponíveis

Leia mais

Manual de Transferência de Arquivos

Manual de Transferência de Arquivos O Manual de Transferência de Arquivos apresenta a ferramenta WebEDI que será utilizada entre FGC/IMS e as Instituições Financeiras para troca de arquivos. Manual de Transferência de Arquivos WebEDI Versão

Leia mais

INTEGRE Diversas fontes de informações em uma interface intuitiva que exibe exatamente o que você precisa

INTEGRE Diversas fontes de informações em uma interface intuitiva que exibe exatamente o que você precisa INTEGRE Diversas fontes de informações em uma interface intuitiva que exibe exatamente o que você precisa ACESSE Informações corporativas a partir de qualquer ponto de Internet baseado na configuração

Leia mais

Assinatura Digital de Contratos de Câmbio Banrisul Utilização dos certificados digitais para a Assinatura de Contratos de Câmbio Banrisul.

Assinatura Digital de Contratos de Câmbio Banrisul Utilização dos certificados digitais para a Assinatura de Contratos de Câmbio Banrisul. Assinatura Digital de Contratos de Câmbio Banrisul Utilização dos certificados digitais para a Assinatura de Contratos de Câmbio Banrisul. Manual Descritivo Índice 1. Introdução 1.1. Objetivo. 1.2. Escopo.

Leia mais

A Companhia de Tecnologia da Informação do Estado de Minas Gerais PRODEMGE

A Companhia de Tecnologia da Informação do Estado de Minas Gerais PRODEMGE Belo Horizonte, 06 de Maio de 2010 A Companhia de Tecnologia da Informação do Estado de Minas Gerais PRODEMGE Referente: CONSULTA PÚBLICA PARA CONTRATAÇÃO DE UMA SOLUÇÃO DE GERENCIAMENTO DE SERVIÇOS DE

Leia mais

O Sistema mais completo. de Captura e GED. do Mercado. MegaGED

O Sistema mais completo. de Captura e GED. do Mercado. MegaGED O Sistema mais completo de Captura e GED do Mercado AutoStore O AutoStore é um software de captura e distribuição de documentos (Texto, Imagens e Arquivos Eletrônicos) Com o AutoStore é possível automatizar

Leia mais

MANUAL DO USUÁRIO SUMÁRIO

MANUAL DO USUÁRIO SUMÁRIO SUMÁRIO 1. Home -------------------------------------------------------------------------------------------------------- 7 2. Cadastros -------------------------------------------------------------------------------------------------

Leia mais

ESPECIFICAÇÕES TÉCNICAS

ESPECIFICAÇÕES TÉCNICAS ESPECIFICAÇÕES TÉCNICAS Sistema Operacional: Compatível com Windows XP ou superior; Banco de Dados: Padrão do sistema em SQL Server, podendo, no entanto, ser utilizado com a maioria dos bancos de dados

Leia mais

Configuração SERVIDOR.

Configuração SERVIDOR. REQUISITOS MINIMOS SISTEMAS FORTES INFORMÁTICA. Versão 2.0 1. PRE-REQUISITOS FUNCIONAIS HARDWARES E SOFTWARES. 1.1 ANALISE DE HARDWARE Configuração SERVIDOR. Componentes Mínimo Recomendado Padrão Adotado

Leia mais

Em 2012, a Prosoft planejou o lançamento da Versão 5 dos seus produtos.

Em 2012, a Prosoft planejou o lançamento da Versão 5 dos seus produtos. VERSÃO 5 Outubro/2012 Release Notes Não deixe de atualizar o seu sistema Planejamos a entrega ao longo do exercício de 2012 com mais de 140 melhorias. Mais segurança, agilidade e facilidade de uso, atendendo

Leia mais

Microsoft CRM Passo a Passo

Microsoft CRM Passo a Passo Microsoft CRM Passo a Passo Sumário 1 Apresentação... 19 1.1 O que é CRM, afinal?... 19 1.1.1 Introdução... 19 1.1.2 CRM é um Conjunto de Processos... 19 1.1.3 CRM é um Repositório de Informações... 20

Leia mais

EDITAL CONCORRÊNCIA PÚBLICA N.º 001/2015 PROCESSO ADMINISTRATIVO 009/2015

EDITAL CONCORRÊNCIA PÚBLICA N.º 001/2015 PROCESSO ADMINISTRATIVO 009/2015 Londrina, 07 de outubro de 2015. EDITAL CONCORRÊNCIA PÚBLICA N.º 001/2015 PROCESSO ADMINISTRATIVO 009/2015 OBJETO: Art.1º. Constitui objeto desta licitação a aquisição de 01 (uma) Plataforma de Solução

Leia mais

OBJETIVOS DA APRESENTAÇÃO

OBJETIVOS DA APRESENTAÇÃO Institucional OBJETIVOS DA APRESENTAÇÃO Apresentar as vantagens de se trabalhar com Thin Clients Apresentar como funciona a tecnologia Server Based Computing, Virtualização de Desktop e Aplicativos EVOLUÇÃO

Leia mais

Especificação Técnica TOTVS Avaliação e Pesquisa

Especificação Técnica TOTVS Avaliação e Pesquisa Outubro/2014 Título do documento Sumário Apresentação... 3 1. Caracterísitcas... 4 1.1 Interface Padrão Window... 4 1.2 Ajuda On-line Sensível à Opção... 4 2. Natureza funcional do TOTVS Educacional...

Leia mais

SISTEMA DE GERÊNCIA - DmView

SISTEMA DE GERÊNCIA - DmView Sistema de Gerenciamento DmView O DmView é o Sistema de Gerência desenvolvido para supervisionar e configurar os equipamentos DATACOM, disponibilizando funções para gerência de supervisão, falhas, configuração,

Leia mais

Copyright 2015 Mandic Cloud Solutions - Somos Especialistas em Cloud. www.mandic.com.br

Copyright 2015 Mandic Cloud Solutions - Somos Especialistas em Cloud. www.mandic.com.br Sumário 1. Boas vindas... 4 2. Dashboard... 4 3. Cloud... 5 3.1 Servidores... 5 o Contratar Novo Servidor... 5 o Detalhes do Servidor... 9 3.2 Cloud Backup... 13 o Alteração de quota... 13 o Senha do agente...

Leia mais

Manual de Instalação

Manual de Instalação Manual de Instalação Sumário 1. Sobre este documento...3 2. Suporte técnico...3 3. Requisitos de hardware...3 3.1. Estação...3 3.2. Servidor...4 4. Instalação...4 4.1. Instalação do Group Folha no servidor...6

Leia mais

GUIA DO ALUNO. Orientações para a utilização dos cursos on-line do Módulo Risk Manager. Autor: Márcio Galvão Revisor: Natasha Sauma. Versão 1.

GUIA DO ALUNO. Orientações para a utilização dos cursos on-line do Módulo Risk Manager. Autor: Márcio Galvão Revisor: Natasha Sauma. Versão 1. GUIA DO ALUNO Orientações para a utilização dos cursos on-line do Módulo Risk Manager Versão 1.3 Autor: Márcio Galvão Revisor: Natasha Sauma Última atualização em 05.05.2015 Declaração de propriedade Copyright

Leia mais

Usuários. Manual. Pergamum

Usuários. Manual. Pergamum Usuários Manual Pergamum Sumário 1 APRESENTAÇÃO... 1-2 2 CADASTRANDO UM NOVO USUÁRIO/OPERADOR... 2-1 3 UTILIZANDO O MÓDULO DE USUÁRIOS... 3-2 3.1 CONFIGURAÇÃO DE GUIAS NO EXPLORER... 3-3 4 CADASTRO...

Leia mais

Volume ACRONUS SOFTWARE GUIA DE UTILIZAÇÃO DO ACRONUS SYSTEM. Manual Técnico 4.28

Volume ACRONUS SOFTWARE GUIA DE UTILIZAÇÃO DO ACRONUS SYSTEM. Manual Técnico 4.28 Volume 1 ACRONUS SOFTWARE GUIA DE UTILIZAÇÃO DO ACRONUS SYSTEM Manual Técnico 4.28 P A C O T E I N S T I T U I Ç Õ E S D E E N S I N 0 - E M P R E S A S Manual Técnico 4.28 ACRONUS SOFTWARE 08.104.732/0001-33

Leia mais

Softwares de Sistemas e de Aplicação

Softwares de Sistemas e de Aplicação Fundamentos dos Sistemas de Informação Softwares de Sistemas e de Aplicação Profª. Esp. Milena Resende - milenaresende@fimes.edu.br Visão Geral de Software O que é um software? Qual a função do software?

Leia mais

Especificação do KAPP-PPCP

Especificação do KAPP-PPCP Especificação do KAPP-PPCP 1. ESTRUTURA DO SISTEMA... 4 1.1. Concepção... 4 2. FUNCIONALIDADE E MODO DE OPERAÇÃO... 5 3. TECNOLOGIA... 7 4. INTEGRAÇÃO E MIGRAÇÃO DE OUTROS SISTEMAS... 8 5. TELAS E RELATÓRIOS

Leia mais

Apache + PHP + MySQL

Apache + PHP + MySQL Apache + PHP + MySQL Fernando Lozano Consultor Independente Prof. Faculdade Metodista Bennett Webmaster da Free Software Foundation fernando@lozano.eti.br SEPAI 2001 O Que São Estes Softwares Apache: Servidor

Leia mais

Manual do Usuário Microsoft Apps for Symbian

Manual do Usuário Microsoft Apps for Symbian Manual do Usuário Microsoft Apps for Symbian Edição 1.0 2 Sobre os aplicativos da Microsoft Sobre os aplicativos da Microsoft Os aplicativos Microsoft oferecem aplicativos corporativos Microsoft para o

Leia mais

Certificado Digital A1

Certificado Digital A1 Certificado Digital A1 Geração Todos os direitos reservados. Imprensa Oficial do Estado S.A. - 2012 Página 1 de 41 Pré-requisitos para a geração Dispositivos de Certificação Digital Para que o processo

Leia mais

SSE 3.0 Guia Rápido Parametrizando o SISTEMA DE SECRETARIA Nesta Edição Configurando a Conexão com o Banco de Dados

SSE 3.0 Guia Rápido Parametrizando o SISTEMA DE SECRETARIA Nesta Edição Configurando a Conexão com o Banco de Dados SSE 3.0 Guia Rápido Parametrizando o SISTEMA DE SECRETARIA Nesta Edição 1 Configurando a Conexão com o Banco de Dados 2 Primeiro Acesso ao Sistema Manutenção de Usuários 3 Parametrizando o Sistema Configura

Leia mais

Guia do Usuário do Aplicativo Web

Guia do Usuário do Aplicativo Web www.novell.com/documentation Guia do Usuário do Aplicativo Web Filr 1.2 Abril de 2015 Informações legais A Novell, Inc. não faz nenhuma representação ou garantia com relação ao conteúdo ou uso desta documentação

Leia mais

Intranet Embrapa. Princípios e conceitos

Intranet Embrapa. Princípios e conceitos Intranet Embrapa Princípios e conceitos Brasília, 9 de setembro de 2014 2 1. Apresentação O projeto de uma Nova Intranet para a Embrapa teve início em julho de 2012, com o diagnóstico das Intranets das

Leia mais

Portabilidade da Linha RM Versão 11.52

Portabilidade da Linha RM Versão 11.52 Portabilidade da Linha RM Versão 11.52 25/02/2014 Sumário 1. Portabilidade para Servidor de Banco de Dados... 3 2. Níveis de Compatibilidade entre Bancos de Dados... 4 3. Portabilidade para Servidor de

Leia mais