Docentes da Rede Estadual do Paraná I - Perfil do profissional em sala de aula

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Docentes da Rede Estadual do Paraná I - Perfil do profissional em sala de aula"

Transcrição

1 Docentes da Rede Estadual do Paraná I - Perfil do profissional em sala de aula Com base nos resultados do Censo Escolar da Educação Básica 2013, este informativo apresenta um perfil dos profissionais em sala de aula que participaram do Censo Escolar em Universo da análise Participa da pesquisa do Censo Escolar o profissional que está em sala de aula, na regência de turmas e em efetivo exercício na data de referência do Censo Escolar. Ou seja, a coleta não abrange os profissionais que estejam exercendo funções distintas da regência de classe, tais como administração, gestão e supervisão escolar, orientação pedagógica ou outras funções. Desse modo, a Sinopse Estatística da Educação Básica de 2013 publicou funções docentes no Estado Paraná, sendo que correspondem a funções docentes na rede estadual. Os dados relativos a funções docentes na rede estadual são a fonte de pesquisa e análise deste Boletim. Tabela 1 - Número de Funções Docentes na Educação Básica por Dependência Administrativa, segundo a Região Geográfica e a Unidade da Federação 2013 Funções Docentes na Educação Básica Unidade da Dependência Administrativa Federação Total Federal Estadual Municipal Privada Brasil Sul Paraná Fonte: MEC/Inep/Deed Notas: 1 - Professores são os indivíduos que estavam em efetiva regência de classe em 29/05/ Não inclui auxiliares da educação infantil. 3 - Não inclui os professores de turmas de atividade complementar e de Atendimento Educacional Especializado. 4 - Professores (ID) são contados uma única vez em cada dependência administrativa, porém podem atuar em mais de uma. Seleção de dados Para delinear o perfil docente na rede estadual, tomou-se como referência o formulário Cadastro de Profissional Escolar em Sala de Aula utilizado pelo Censo Escolar em A análise considerou, a partir do código de identificação docente (ID), as informações declaradas pelo professor referentes à: i) identificação: data de nascimento, sexo, cor/raça, nacionalidade; ii) escolaridade: curso de formação inicial, pós-graduação. Os dados de docência - regime de contratação, estabelecimentos e turnos de atuação serão objeto de análise da próxima edição do Boletim. 1

2 Características dos docentes da rede estadual em sala de aula A média de idade dos docentes da rede estadual é de 40 anos, com uma pequena variação, de apenas um ano, referente à variável sexo masculino e feminino. A distribuição dos professores por idade revela que 51,2% dos docentes têm mais de 40 anos de idade e que 70% estão na faixa de 29 a 51 anos. A distribuição do número de docentes por idade, no intervalo de 15 a 80 anos, é apresentada no gráfico 1. Gráfico 1 Distribuição dos Professores da rede estadual por idade, 2013 Paraná O perfil predominantemente feminino dos profissionais é observado em todas as faixas etárias do gráfico 2, e demonstra que apenas 25,4% dos docentes da rede estadual são do sexo masculino. Esta proporção é um pouco maior, se considerada a idade superior a 33 anos, onde se observa que 76,1% dos docentes que estavam em regência de classe são mulheres, e somam mais de 28 mil docentes. 2

3 Gráfico 2 Distribuição dos professores da rede estadual por faixa etária e sexo, 2013 Paraná Até 24 anos De 25 a 32 anos De 33 a 40 anos De 41 a 50 anos Mais de 50 anos Feminino Masculino Quanto ao atributo raça/cor, os resultados obtidos mostram, entre os docentes, a mesma diversidade existente na população paranaense, ainda que tenha havido no levantamento de 2013 um percentual significativo de docentes de raça/cor não declarada (gráfico 3). Gráfico 3 Total de professores da rede estadual segundo raça/cor, 2013 Paraná Branca Preta Parda Amarela Indígena Não decalarada 3

4 Uma questão sempre relevante nas políticas educacionais é, certamente, a formação inicial dos professores. A pesquisa, portanto, também selecionou os dados relativos à escolaridade do docente, tanto sobre a área de formação de graduação como sobre os dados referentes à pós-graduação especialização, mestrado, doutorado. Em relação à formação inicial dos professores da rede estadual, os dados revelam um total de docentes com nível superior completo, que correspondem a 99,4% do total. Dos professores com graduação, 96,2% possuem licenciatura formação adequada para atuar na educação básica, segundo artigo 62 da LDB (Lei n /96). As áreas de formação com maior número de professores em relação ao total de docentes são: Matemática (11,1%), Letras - Língua Portuguesa (9,8%) e História (9,7%). Estes e os demais cursos são apresentados na tabela 1. Os dados também demonstram que 12,6% dos docentes declararam possuir dois cursos de graduação, enquanto 627 professores apresentam formação em três cursos de graduação distintos. Tabela 2 Área de formação dos professores da rede estadual, 2013 Paraná. Área de formação na graduação Professores (1) da rede estadual Total Absoluto % Com Licenciatura Sem Licenciatura Paraná , Matemática , Letras - Língua Portuguesa , História , Geografia , Ciências Biológicas , Educação Física , Pedagogia , Letras - Língua Portuguesa e Estrangeira , Letras - Língua Estrangeira , Ciências Naturais , Artes Visuais , Química , Filosofia , Outro curso de formação superior , Ciências Sociais 970 1, Física 867 1, Educação Religiosa/Teologia 86 0, Informática 44 0, Libras 38 0, Ciência da Terra 16 0, Demais cursos , (1) O mesmo professor pode possuir mais de uma formação (até 3) 4

5 Quanto aos professores que declararam graduação sem licenciatura, ou seja, curso de formação Bacharelado ou Tecnológico, a pesquisa identificou que 39,6% dos docentes possuem o programa especial de formação pedagógica requerida pela Resolução n. 2 de 1997 do Conselho Nacional de Educação (CNE). Os demais docentes não declararam a complementação pedagógica. Gráfico 4 - Docentes da rede estadual por grau de formação e complementação pedagógica, Paraná. Bacharelado Tecnológico % 20% 40% 60% 80% 100% Com complementação pedagógica Sem complementação pedagógica Dos professores da rede estadual com curso de formação superior, 79,8% declararam possuir curso de pós-graduação, e entre eles, docentes possuem curso stricto sensu que confere o título de Mestre e/ou de Doutor (gráfico 5). A análise permitiu identificar ainda que a média de idade dos professores pós-graduados é de 41 anos, sendo que a cada três docentes pós-graduados, dois são mulheres. No grupo de professores que não declararam ou que não possuem pós-graduação as idades que aparecem com maior frequência (moda) cobrem um intervalo de cinco anos, variando entre 26 a 31 anos. 5

6 Gráfico 5 Professores da rede estadual por sexo e Pós-Graduação, 2013 Paraná. 100% 80% % 40% 20% % Especialização Mestrado Doutorado Não possui Não declarou Feminino Masculino (1) O mesmo professor pode possuir até três cursos de pós-graduação. Considerações finais Das possibilidades de análise das informações sobre docentes do Censo Escolar 2013, este Boletim fez uma seleção de variáveis que permitissem a caracterização geral do perfil dos professores em sala de aula na rede estadual do Paraná. O professor típico do Paraná é do sexo feminino; tem 40 anos de idade, raça/cor branca e possui escolaridade de nível superior (com licenciatura). O estudo apontou algumas limitações, tanto em relação à falta de declaração de pós-graduação que abrange aproximadamente 4% dos docentes da rede estadual, mas principalmente no grande percentual, 60,4%, de professores com curso superior, mas sem licenciatura, e que não declararam a complementação pedagógica requerida para atuação na Educação Básica. 6

7 Referências consultadas: BRASIL. Resolução n. 2 de 1997 do Conselho Nacional de Educação (CNE). Dispõe sobre os programas especiais de formação pedagógica de docentes. Disponível em: <http://portal.mec.gov.br/setec/arquivos/pdf_legislacao/tecnico/legisla_tecnico_ resol02_26junho_1997.pdf> Acesso em: 11 jul INEP. Sinopse Estatística da Educação Básica Disponível em: < br/basica-censo-escolar-sinopse-sinopse> Acesso em: 01 jul MEC/INEP. Estudo exploratório sobre o professor brasileiro. Disponível em: < download.inep.gov.br/download/censo/1997/basica/miolo-professor.pdf> Acesso em: 17 jun O Boletim é um material organizado pela Seed/Sude/Diplan/Coordenação de Informações Educacionais. Endereço para contato: 7

Professores no Brasil

Professores no Brasil Professores no Brasil Perfil docente, políticas para o magistério e níveis de formação dos professores brasileiros Maio de 2016 Perfil dos docentes brasileiros Funções docentes da Educação Básica todas

Leia mais

ANEXO I. Habilitação e Escolaridade exigidas para atuação em escolas da Rede Municipal de Ensino de Mariana. Habilitação e Escolaridade

ANEXO I. Habilitação e Escolaridade exigidas para atuação em escolas da Rede Municipal de Ensino de Mariana. Habilitação e Escolaridade PREFEITURA MUNICIPAL DE MARIANA Secretaria Municipal de Educação Rua Bom Jesus, 18A Centro marianaeducamg@tlook.com ANEXO I exigidas para atuação em escolas da Rede Municipal de Ensino de Mariana. 1. Cargo:

Leia mais

Censo Escolar 2017 Cadastro de Profissional Escolar em Sala de Aula SISTEMA DE CADASTRO DE ALUNOS

Censo Escolar 2017 Cadastro de Profissional Escolar em Sala de Aula SISTEMA DE CADASTRO DE ALUNOS Censo Escolar 2017 Cadastro de Profissional Escolar em Sala de Aula SISTEMA DE CADASTRO DE ALUNOS 1 Antes de iniciar a digitação do Cadastro de Profissional Escolar em Sala de Aula é necessário Informar

Leia mais

Maria Helena Guimarães de Castro Outubro Política Nacional de Formação de Professores

Maria Helena Guimarães de Castro Outubro Política Nacional de Formação de Professores Maria Helena Guimarães de Castro Outubro 2017 Política Nacional de Formação de Professores PREMISSAS A QUALIDADE DAS APRENDIZAGENS DEPENDE DA QUALIDADE DO TRABALHO DO PROFESSOR Evidências mostram que,

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DE MARIANA Secretaria Municipal de Educação Rua Bom Jesus, 18A Centro

PREFEITURA MUNICIPAL DE MARIANA Secretaria Municipal de Educação Rua Bom Jesus, 18A Centro PREFEITURA MUNICIPAL DE MARIANA Secretaria Municipal de Educação Rua Bom Jesus, 18A Centro marianaeducamg@outlook.com PORTARIA Nº 01, DE 10 DE JANEIRO DE 2017 Estabelece critérios e define procedimentos

Leia mais

NOTA EXPLICATIVA ENEM 2015 POR ESCOLA

NOTA EXPLICATIVA ENEM 2015 POR ESCOLA NOTA EXPLICATIVA ENEM 2015 POR ESCOLA 1 - RESULTADOS DO ENEM 2015 AGREGADOS POR ESCOLA Os resultados do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) auxiliam estudantes, pais, professores, diretores das escolas

Leia mais

FICHA TÉCNICA. Índice. Título Perfil do Docente 2010/2011

FICHA TÉCNICA. Índice. Título Perfil do Docente 2010/2011 Índice FICHA TÉCNICA Título Perfil do Docente 2010/2011 Autoria Direção-Geral de Estatísticas da Educação e Ciência (DGEEC) Direção de Serviços de Estatísticas da Educação (DSEE) Divisão de Estatísticas

Leia mais

CENSO ESCOLAR 2011 ORIENTAÇÕES SOBRE O CADASTRAMENTO DE DOCENTES - CADASTRO DE ALUNOS

CENSO ESCOLAR 2011 ORIENTAÇÕES SOBRE O CADASTRAMENTO DE DOCENTES - CADASTRO DE ALUNOS ORIENTAÇÕES SOBRE O CADASTRAMENTO DE DOCENTES - CADASTRO DE ALUNOS Secretaria de Estado da Educação de São Paulo CIE - Centro de Informações Educacionais Coordenação do Sistema de Cadastro de Alunos 1

Leia mais

Acesso e Permanência no Ensino Superior

Acesso e Permanência no Ensino Superior Acesso e Permanência no Ensino Superior José Francisco Soares Presidente do INEP Brasília-DF Março 2015 Censo da Educação Superior Características: Anual e sistemático; Declaratório; Participação obrigatória;

Leia mais

Perfil do Docente 2007/08

Perfil do Docente 2007/08 Perfil do Docente 2007/08 93 PERFIL DO DOCENTE 2009/2010 1 Índice FICHA TÉCNICA Título Perfil do Docente 2009/2010 Autoria Gabinete de Estatística e Planeamento da Educação (GEPE) Direcção de Serviços

Leia mais

MATRIZ CURRICULAR DO CURSO DE LICENCIATURA EM PEDAGOGIA. 1º semestre: EIXO 1 A TRAJETÓRIA EDUCACIONAL NEB 60 TOTAL

MATRIZ CURRICULAR DO CURSO DE LICENCIATURA EM PEDAGOGIA. 1º semestre: EIXO 1 A TRAJETÓRIA EDUCACIONAL NEB 60 TOTAL MATRIZ CURRICULAR DO CURSO DE LICENCIATURA EM PEDAGOGIA COMPONENTE CURRICULAR EIXO TEMÁTICO CH CR REQUISITOS 1º semestre: EIXO 1 A TRAJETÓRIA EDUCACIONAL Língua Portuguesa NEB 60 Educação e Tecnologias

Leia mais

PREFEITURA DE LAGES SC SECRETARIA MUNICIPAL DE EDUCAÇÃO PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO - EDITAL 08/2017 ANEXO I Alterado pela Errata 01 e 02.

PREFEITURA DE LAGES SC SECRETARIA MUNICIPAL DE EDUCAÇÃO PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO - EDITAL 08/2017 ANEXO I Alterado pela Errata 01 e 02. (ESCOLARIDA/FORMAÇÃO) FICIÊNCIA JORNADA NÍVEL SUPERIOR - HABILITADOS 1 PROFESSOR ANOS INICIAIS 2 3 4 INCLUSÃO BRAILE LIBRAS 5 PROFESSOR ARTE 6 PROFESSOR CIÊNCIAS Diploma ou certificado de conclusão de

Leia mais

Curso: PEDAGOGIA Curriculo: 0004-L DISCIPLINAS EM OFERTA 2º Semestre de NOT

Curso: PEDAGOGIA Curriculo: 0004-L DISCIPLINAS EM OFERTA 2º Semestre de NOT GR02734 GR02105 GR02160 GR02735 GR02736 SEMESTRE 1 Carga Horária Docentes Escola e Contexto 72.00 Não ofertada no 2º semestre de 2016 Estudo da Formação da Sociedade Contemporânea 72.00 Não ofertada no

Leia mais

Edicão Numero 98 de 23/05/2007. Ministério da Educação Gabinete do Ministro

Edicão Numero 98 de 23/05/2007. Ministério da Educação Gabinete do Ministro Edicão Numero 98 de 23/05/2007 Ministério da Educação Gabinete do Ministro! #%# #% ' #0 :,2039,4574.088480 09 ;4/4!74 7,2,&3 ;078 /,/05,7,%4/48!74&3 701070390,480 :3/480208970/0 $%# $% & 34 :84 /0 8:,8,97

Leia mais

PREFEITURA DE LAGES SC SECRETARIA MUNICIPAL DE EDUCAÇÃO PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO - EDITAL 08/2017 ANEXO I REQUISITOS (ESCOLARIDADE/FORMAÇÃO)

PREFEITURA DE LAGES SC SECRETARIA MUNICIPAL DE EDUCAÇÃO PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO - EDITAL 08/2017 ANEXO I REQUISITOS (ESCOLARIDADE/FORMAÇÃO) (ESCOLARIDA/FORMAÇÃO) FICIÊNCIA NÍVEL SUPERIOR - HABILITADOS 1 PROFESSOR ANOS INICIAIS 2 3 4 INCLUSÃO BRAILE LIBRAS 5 PROFESSOR I e II ARTE 6 PROFESSOR II CIÊNCIAS Diploma ou certificado de conclusão de

Leia mais

Horário Atividade Local

Horário Atividade Local 1 ANEXO I A Secretária de Educação de Mariana, no uso de suas atribuições, tendo em vista o disposto nesta portaria, torna público que estarão abertas as inscrições para candidatos à designação para exercício

Leia mais

Censo da Educação Superior Reunião Ordinária do Conselho Pleno da Andifes

Censo da Educação Superior Reunião Ordinária do Conselho Pleno da Andifes Censo da Educação Superior Reunião Ordinária do Conselho Pleno da Andifes Natal outubro-2013 Quadro Resumo- Estatísticas Gerais da Educação Superior por Categoria Administrativa - Brasil - 2012 Categoria

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DE GOIÁS SISU Inscrições e resultados da 1ª Chamada do SiSU na UFG

UNIVERSIDADE FEDERAL DE GOIÁS SISU Inscrições e resultados da 1ª Chamada do SiSU na UFG Inscrições e resultados da 1ª Chamada do SiSU 2016-1 na UFG Ò Número de vagas oferecidas pela UFG, por Regional Regional N.º de Vagas Catalão 990 Goiânia 3.985 Goiás 290 Jataí 1.080 Total 6.345 Ò Número

Leia mais

Faculdade de Educação FaE/UFMG Curso de Pedagogia - Horário de Aulas 2º Semestre de º Período

Faculdade de Educação FaE/UFMG Curso de Pedagogia - Horário de Aulas 2º Semestre de º Período Faculdade de Educação FaE/UFMG Curso de Pedagogia - Horário de Aulas 2º Semestre de 2016 1º Período Turma: G Turno: Manhã SOCIOLOGIA ALFABETIZAÇÃO POLÍTICA FILOSOFIA METODOLOGIA DE PESQUISA DA EDUCAÇÃO

Leia mais

Estudo Exploratório Docente da Rede Estadual. apresenta os dados de docência II dos - Dados 50.798 de professores Docência em sala de aula.

Estudo Exploratório Docente da Rede Estadual. apresenta os dados de docência II dos - Dados 50.798 de professores Docência em sala de aula. Boletim Curitiba, n.7, jul. 2014, p. 1- BOLETIM Estudo Exploratório Docente da Rede Estadual II Dados de docência A segunda parte Docentes do Estudo da Exploratório Rede Estadual Docente do Paraná da Rede

Leia mais

Currículo do Curso de Pedagogia

Currículo do Curso de Pedagogia Currículo do Curso de Pedagogia Licenciatura ATUAÇÃO Em atendimento às Diretrizes Curriculares Nacionais (DCN), aprovadas em 2006 pelo Conselho Nacional de (CNE) e homologadas pelo Ministério da (MEC),

Leia mais

EDITAL INSTITUCIONAL DE EXTENSÃO N 20, DE 16 DE JULHO DE 2012

EDITAL INSTITUCIONAL DE EXTENSÃO N 20, DE 16 DE JULHO DE 2012 1 EDITAL INSTITUCIONAL DE EXTENSÃO N 20, DE 16 DE JULHO DE 22 22/MDS, A SER REALIZADO NO MUNICÍPIO DE SANTA INÊS. A Direção-Geral do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Maranhão Campus

Leia mais

Faixa etária 2; 4% 4; 8% 8; 16%

Faixa etária 2; 4% 4; 8% 8; 16% Universidade Federal de Goiás - Faculdade de Educação Pesquisa Observatório da Educação - Projeto: Desafios da Educação de Jovens Adultos integrada à Educação Profissional: identidades dos sujeitos, currículo

Leia mais

INSTITUTO ESTADUAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DO MARANHÃO - IEMA. Município / Unidade IEMA: Axixá

INSTITUTO ESTADUAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DO MARANHÃO - IEMA. Município / Unidade IEMA: Axixá Processo Seletivo - Edital, de //6 R DISTRIBUIÇÃO DE CANDIDATOS POR MUNICÍPIO / Município / Unidade IEMA: Axixá INSITOS 5 GESTOR GERAL 55 GESTOR AUXILIAR COM PEDAGÓGICA 59 GESTOR AUXILIAR COM ADMINISTRATIVO/FINANCEIRA

Leia mais

3 Cronograma de Implantação e Desenvolvimento da Instituição

3 Cronograma de Implantação e Desenvolvimento da Instituição 3 Cronograma de e Desenvolvimento da Instituição e dos Cursos Observação: As Instituições deverão apresentar dados relativos ao número de vagas, dimensões das turmas, turno de funcionamento e regime de

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DE JAGUARÉ

PREFEITURA MUNICIPAL DE JAGUARÉ ANEXO I CARGOS ÁREA DE ATUAÇÃO MODALIDADE DISCIPLINAS PRÉ-REQUISITOS ATRIBUIÇÕES PA Educação Infantil; Anos iniciais (EMEFs, PROVER (Unidocentes e Pluridocentes), EJA - 1º segmento EMEIEFs - Educação Infantil

Leia mais

Estado de Santa Catarina Município de NAVEGANTES Edital n.º 001/2017 de PROCESSO SELETIVO - Administração Geral

Estado de Santa Catarina Município de NAVEGANTES Edital n.º 001/2017 de PROCESSO SELETIVO - Administração Geral Edital n.º 001/17 de PROCESSO SELETIVO - Administra Geral ANEXO 1 CARGOS, JORNADA DE TRABALHO, VAGAS, SALÁRIO MENSAL E PRÉ-REQUISITOS CARGOS DE ENSINO ALFABETIZADO R$ Cargo CH Vagas Salário Pré-requisitos

Leia mais

CHAMADA 2/2017/PROEX/IFRO Seleção Complementar de Bolsistas para Atuar nos Cursos do Projeto Empoderamento da Mulher Vagas Remanescentes

CHAMADA 2/2017/PROEX/IFRO Seleção Complementar de Bolsistas para Atuar nos Cursos do Projeto Empoderamento da Mulher Vagas Remanescentes MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO SECRETARIA DE EDUCAÇÃO PROFISSIONAL E TECNOLÓGICA INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DE RONDÔNIA PRÓ-REITORIA DE EXTENSÃO CHAMADA 2/2017/PROEX/IFRO Seleção Complementar

Leia mais

A ATUALIDADE DO PLANO ORIENTADOR DA UNIVERSIDADE DE BRASÍLIA. Timothy Mulholland

A ATUALIDADE DO PLANO ORIENTADOR DA UNIVERSIDADE DE BRASÍLIA. Timothy Mulholland A ATUALIDADE DO PLANO ORIENTADOR DA UNIVERSIDADE DE BRASÍLIA Timothy Mulholland O Plano Orientador de Anísio Teixeira e Darcy Ribeiro e o início da Universidade de Brasília 1962 Universidade de Brasília

Leia mais

161-1 LICENCIATURA PLENA EM PEDAGOGIA Regime Regular NÚMERO MÍNIMO DE PERÍODOS 1 DISCIPLINA CARGA HORÁRIA TIPO

161-1 LICENCIATURA PLENA EM PEDAGOGIA Regime Regular NÚMERO MÍNIMO DE PERÍODOS 1 DISCIPLINA CARGA HORÁRIA TIPO PÁGINA: 1 INGRESSOS DE 20041 161-1 LICENCIATURA PLENA EM PEDAGOGIA Regime Regular NÚMERO MÍNIMO DE PERÍODOS 1 NÚMERO MÁXIMO DE PERÍODOS 9 CARGA HORÁRIA 3640 1 132 FUNDAMENTOS ÉTICOS DE EDUCAÇÃO 30 OBRIGATORIA

Leia mais

GOVERNO DO ESTADO DE SÃO PAULO SECRETARIA DE ESTADO DA EDUCAÇÃO DIRETORIA DE ENSINO REGIÃO DE LIMEIRA

GOVERNO DO ESTADO DE SÃO PAULO SECRETARIA DE ESTADO DA EDUCAÇÃO DIRETORIA DE ENSINO REGIÃO DE LIMEIRA Edital de Cadastro Emergencial para Docentes Candidatos à contratação para Atribuição de Aulas de LIBRAS Língua Brasileira de Sinais e Educação Especial (deficiências intelectual e auditiva) no Ensino

Leia mais

EDITAL 01/2016 DIRETORIA GERAL EDUCACIONAL

EDITAL 01/2016 DIRETORIA GERAL EDUCACIONAL EDITAL 01/2016 DIRETORIA GERAL EDUCACIONAL Dispõe de Processo de Seleção Docente para formação de cadastro de reserva 2017. A Direção Geral do Colégio Dom Bosco, no uso de suas atribuições legais, torna

Leia mais

UFV Catálogo de Graduação PEDAGOGIA. COORDENADORA Cristiane Aparecida Baquim

UFV Catálogo de Graduação PEDAGOGIA. COORDENADORA Cristiane Aparecida Baquim UFV Catálogo de Graduação 2014 477 PEDAGOGIA COORDENADORA Cristiane Aparecida Baquim cbaquim@hotmail.br 478 Currículos dos Cursos do CCH UFV Licenciatura ATUAÇÃO Em atendimento às Diretrizes Curriculares

Leia mais

Edital nº 48/2016 Retificações dos Editais nº 44 de 29 de agosto de 2016 e nº 46 de 02 de setembro de 2016

Edital nº 48/2016 Retificações dos Editais nº 44 de 29 de agosto de 2016 e nº 46 de 02 de setembro de 2016 Edital nº 48/2016 Retificações dos Editais nº 44 de 29 de agosto de 2016 e nº 46 de 02 de setembro de 2016 CONCURSO PÚBLICO PARA PROVIMENTO DE CARGOS DE PROFESSOR DE ENSINO BÁSICO, TÉCNICO E TECNÓLOGICO

Leia mais

Censo da Educação Superior Notas Estatísticas

Censo da Educação Superior Notas Estatísticas Censo da Educação Superior 2016 Notas Estatísticas 2016 Notas Estatísticas O, realizado anualmente pelo Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep), constitui-se importante

Leia mais

ANEXO 6 TABELA DA REMUNERAÇÃO E NÍVEIS

ANEXO 6 TABELA DA REMUNERAÇÃO E NÍVEIS ANEXO 6 TABELA DA REMUNERAÇÃO E NÍVEIS TABELA DE VENCIMENTO Habilitação Nível 1 - Ensino Médio Nível 2 - Ensino Médio + estudos adicionais Nível 3 - Grau Superior/Habilitação Específica licenciatura Curta

Leia mais

EDITAL Nº 004/2017 PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO PARA

EDITAL Nº 004/2017 PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO PARA EDITAL Nº 004/2017 PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO PARA PROFESSOR DE ATENDIMENTO EDUCACIONAL ESPECIALIZADO - AEE O, Estado do Rio Grande do Sul, TORNA PÚBLICO, para conhecimento dos interessados, que no

Leia mais

ANEXO I EDITAL PRORH Nº 006/2017 SETOR DE CIÊNCIAS EXATAS E NATURAIS

ANEXO I EDITAL PRORH Nº 006/2017 SETOR DE CIÊNCIAS EXATAS E NATURAIS ANEXO I EDITAL PRORH Nº 006/2017 SETOR DE CIÊNCIAS EXATAS E NATURAIS Departamento de Física Estágio Curricular Supervisionado em Ensino de Física Licenciatura em Física e Mestrado em Educação, ou em Ensino

Leia mais

Resultados do Índice de Desenvolvimento da Educação Básica Ideb 2015 na cidade de Campinas-SP

Resultados do Índice de Desenvolvimento da Educação Básica Ideb 2015 na cidade de Campinas-SP Resultados do Índice de Desenvolvimento da Educação Básica 2015 na cidade de Campinas-SP sumário sumário sumário sumário Maria Inês Fini Presidente do Inep Brasília 12 de setembro 2016 Um pouco sobre Campinas

Leia mais

PERFIL DOS ALUNOS INGRESSANTES CARACTERÍSTICAS SÓCIO-ECONÔMICAS Curso : DIREITO

PERFIL DOS ALUNOS INGRESSANTES CARACTERÍSTICAS SÓCIO-ECONÔMICAS Curso : DIREITO CARACTERÍSTICAS SÓCIO-ECONÔMICAS Quadro e Gráfico 01 - Renda familiar mensal Não informado 0 0 0 Até R$ 26 4 2 6 2,49 de R$ 261,00 a R$ 78 12 5 17 7,05 de R$ 781,00 a R$ 1.30 25 17 42 17,43 de R$ 1.301,00

Leia mais

Censo Da Educação Superior 2016 Divulgação

Censo Da Educação Superior 2016 Divulgação Censo Da Educação Superior 2016 Divulgação Brasília-DF 31 de agosto 2017 Os desafios para acelerar o ritmo e a direção da expansão da educação superior em sintonia com o Plano Nacional de Educação Meta

Leia mais

FLUXOGRAMA CURRICULAR PEDAGOGIA LICENCIATURA PLENA

FLUXOGRAMA CURRICULAR PEDAGOGIA LICENCIATURA PLENA FLUXOGRAMA CURRICULAR PEDAGOGIA LICENCIATURA PLENA Período Código Disciplina Pré-requisito C/H - Teórica C/H - Prática C/H - Total Créditos 1º LE1.01 Análise e Produção Textual em Língua Portuguesa - 04-04

Leia mais

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO COLÉGIO PEDRO II EDITAL Nº 03/2017 PROPGPEC ADMISSÃO AO PROGRAMA DE RESIDÊNCIA DOCENTE * PRD *

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO COLÉGIO PEDRO II EDITAL Nº 03/2017 PROPGPEC ADMISSÃO AO PROGRAMA DE RESIDÊNCIA DOCENTE * PRD * 1 MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO COLÉGIO PEDRO II PRÓ-REITORIA DE PÓS-GRADUAÇÃO, PESQUISA, EXTENSÃO E CULTURA EDITAL Nº 03/2017 PROPGPEC ADMISSÃO AO PROGRAMA DE RESIDÊNCIA DOCENTE * PRD - 2017 * A PRÓ-REITORA

Leia mais

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO SECRETARIA DA EDUCAÇÃO TECNOLÓGICA INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DA BAHIA

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO SECRETARIA DA EDUCAÇÃO TECNOLÓGICA INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DA BAHIA SEETARIA DA EDUCAÇÃO TECNOLÓGICA ANEXO I Modelo de Curriculum Vitae (Preenchimento obrigatório neste modelo) 1 DADOS DE IDENTIFICAÇÃO 1. 1 Nome: 1. 2 Filiação: Nome do pai Nome da mãe 1. 3 Data de nascimento:

Leia mais

Sesi-MA abre seletivo para 66 vagas, mais cadastro de reserva, para cargos de nível superior e médio

Sesi-MA abre seletivo para 66 vagas, mais cadastro de reserva, para cargos de nível superior e médio Notícias FIEMA - MA 04/04/2012-18:51 Sesi-MA abre seletivo para 66 vagas, mais cadastro de reserva, para cargos de nível superior e médio As vagas são para as unidades do Serviço Social da Indústria (Sesi-MA)

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SERGIPE

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SERGIPE 2012 UNIVERSIDADE FEDERAL DE SERGIPE COORDENAÇÃO GERAL DE PLANEJAMENTO COGEPLAN COORDENAÇÃO DE PLANEJAMENTO ACADÊMICO COPAC 2 1 Aspectos gerais da avaliação O Ministério da Educação (MEC) divulgou, no

Leia mais

NOTAS ESTATÍSTICAS Censo da Educação Superior 2015

NOTAS ESTATÍSTICAS Censo da Educação Superior 2015 NOTAS ESTATÍSTICAS 2015 2015 Notas Estatísticas O, realizado anualmente pelo Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep), constitui-se em importante instrumento de obtenção

Leia mais

QUESTIONÁRIO DO DIRETOR

QUESTIONÁRIO DO DIRETOR QUESTIONÁRIO DO DIRETOR Caro Diretor(a): este questionário faz parte de uma importante pesquisa sobre a educação nosso estado o SPAECE. O objetivo principal é conhecer os Gestores, suas práticas de gestão

Leia mais

LDB Lei de Diretrizes e Bases

LDB Lei de Diretrizes e Bases PEDAGOGIA LDB Lei de Diretrizes e Bases Lei nº 9.394, de 20 de dezembro de 1996. Estabelece as diretrizes e bases da educação nacional O pedagogo estuda as teorias da ciência da educação e do ensino É

Leia mais

Aspectos Metodológicos da Pesquisa em São Paulo

Aspectos Metodológicos da Pesquisa em São Paulo Campo Limpo Capão Redondo Fonte: Fundação IBGE, Censo Demográfico 2000. Campo Limpo Capão Redondo Município de São Paulo 2008* 2000** Taxa Geométrica de Crescimento* 213.197 (1,95%) 191.527 (1,18%) * Fundação

Leia mais

EDITAL INSTITUCIONAL DE EXTENSÃO N 02, DE 26 DE JANEIRO DE 2012.

EDITAL INSTITUCIONAL DE EXTENSÃO N 02, DE 26 DE JANEIRO DE 2012. AO ENSINO TÉCNICO E EMPREGO - PRONATEC A Diretora de Desenvolvimento do Ensino, no exercício da Direção Geral do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Maranhão Campus Timon, no uso de

Leia mais

3. Na pág. 27, col.1, e na pág. 29, col. 1, onde se lê: telegrama. via postal. 4. Na pág. 30, col.3, onde se lê: Belo Horizonte, 08 de maio de 2009.

3. Na pág. 27, col.1, e na pág. 29, col. 1, onde se lê: telegrama. via postal. 4. Na pág. 30, col.3, onde se lê: Belo Horizonte, 08 de maio de 2009. ERRATA EDITAL Nº 1/2009 CONCURSO PÚBLICO DESTINADO A SELECIONAR CANDIDATOS PARA PROVIMENTO DE CARGOS DAS CARREIRAS DA PREFEITURA DO MUNICÍPIO DE UBERABA O Prefeito DO MUNICÍPIO DE UBERABA, no uso de suas

Leia mais

1 Secretaria de Estado de Educação do Distrito Federal//SUPLAV

1 Secretaria de Estado de Educação do Distrito Federal//SUPLAV O perfil das mulheres de 10 anos e mais de idade no Distrito Federal e na Periferia Metropolitana de Brasília - PMB segundo a ótica raça/cor 2010 Lucilene Dias Cordeiro 1 1 Secretaria de Estado de Educação

Leia mais

A. Cargos de Nível Médio (Ensino Médio Habilitação em Magistério) 02 Agente em atividade de Educação 30 R$ 905,33 R$ 796,29

A. Cargos de Nível Médio (Ensino Médio Habilitação em Magistério) 02 Agente em atividade de Educação 30 R$ 905,33 R$ 796,29 Prefeitura Municipal de Itajaí Processo Seletivo - Edital 011/2011 Anexo 1 Cargos/Disciplina/Especialidades, Carga Horária Semanal, Remuneração Mensal e Pré-requisitos. (Consolidado com as Retificações

Leia mais

EDITAL Nº 133 DE 05 DE MAIO DE RETIFICAÇÃO II

EDITAL Nº 133 DE 05 DE MAIO DE RETIFICAÇÃO II EDITAL Nº 133 DE 05 DE MAIO DE 2017. RETIFICAÇÃO II SELEÇÃO SIMPLIFICADA DE COORDENADOR DE CURSO PARA ATUAR NO CURSOS DE PÓS-GRADUAÇÃO NA MODALIDADE A DISTÂNCIA SISTEMA UNIVERSIDADE ABERTA DO BRASIL (UAB)

Leia mais

DECRETO Nº 1.594/2008

DECRETO Nº 1.594/2008 Súmula: Dispõe sobre as descrições e atribuições dos cargos da Carreira do Magistério Público Municipal constante no Anexo III, da Lei Municipal nº 2.156/2008, de 26 de março de 2008, que trata do Estatuto

Leia mais

PEDAGOGIA 2º PERÍODO MANHÃ EDUC3012 CIÊNCIAS NA PRÁTICA PEDAGÓGICA I 45h EDUC3022 FUNDAMENTOS SOCIO-HISTÓRICO-FILOSÓSIFCO DA EDUCAÇÃO II 45h EDUC3001

PEDAGOGIA 2º PERÍODO MANHÃ EDUC3012 CIÊNCIAS NA PRÁTICA PEDAGÓGICA I 45h EDUC3022 FUNDAMENTOS SOCIO-HISTÓRICO-FILOSÓSIFCO DA EDUCAÇÃO II 45h EDUC3001 PEDAGOGIA 1º PERÍODO TARDE EDUC3004 FUNDAMENTOS SOCIO-HISTÓRICO-FILOSÓFICO. DA EDUCAÇÃO I 45h EDUC3003 IDENTIDADE CULTURA E SOCIEDADE I 45h EDUC3002 IDEOLOGIA - DISCURSO E PRÁTICA PEDAGÓGICA 45h EDUC3010

Leia mais

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DE PERNAMBUCO CENTRO DE ARTES E COMUNICAÇÃO DEPARTAMENTO DE LETRAS

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DE PERNAMBUCO CENTRO DE ARTES E COMUNICAÇÃO DEPARTAMENTO DE LETRAS DEPARTAMENTO DE LETRAS CONCURSO PÚBLICO PARA ENTES DO MAGISTÉRIO SUPERIOR Edital nº 03, de 05 de fevereiro de 2014, publicado no Diário Oficial da União nº 26, de 06 de fevereiro de 2014. INFORMAÇÕES COMPLEMENTARES,

Leia mais

Reserva Ensino Superior Completo.

Reserva Ensino Superior Completo. Nº DENOMINAÇÃO DA CATEGORIA FUNCIONAL 01 Advogado 02 03 Agente Administrativo Agente de Combate a Endemias 04 Arquiteto 05 Assistente Social 06 07 Atendente de Educação Infantil Auxiliar de Saúde Bucal

Leia mais

Orientações - Estágio Curricular Obrigatório

Orientações - Estágio Curricular Obrigatório Orientações - Estágio Curricular Obrigatório 1. Apresentação O estágio curricular é obrigatório para as Licenciaturas e está baseado na seguinte Legislação: 1.A - LICENCIATURAS EM CIÊNCIAS BIOLÓGICAS,

Leia mais

NOME DO CURSO: O uso pedagógico dos recursos de Tecnologia Assistiva Nível: Aperfeiçoamento Modalidade: Presencial

NOME DO CURSO: O uso pedagógico dos recursos de Tecnologia Assistiva Nível: Aperfeiçoamento Modalidade: Presencial NOME DO CURSO: O uso pedagógico dos recursos de Tecnologia Assistiva Nível: Aperfeiçoamento Modalidade: Presencial Parte 1 Código / Área Temática Código / Nome do Curso Etapa de ensino a que se destina

Leia mais

SELEÇÃO PÚBLICA PARA PROFESSOR SUBSTITUTO DA SECRETARIA MUNICIPAL DE EDUCAÇÃO SME EDITAL Nº 13/2012 ANEXO I (INTEGRANTE DO EDITAL Nº 13/2012)

SELEÇÃO PÚBLICA PARA PROFESSOR SUBSTITUTO DA SECRETARIA MUNICIPAL DE EDUCAÇÃO SME EDITAL Nº 13/2012 ANEXO I (INTEGRANTE DO EDITAL Nº 13/2012) ANEXO I (INTEGRANTE DO ) DA ÁREA DE ATUAÇÃO/DISCIPLINA, DA CARGA HORÁRIA E DA REMUNERAÇÃO BÁSICA ÁREA / DISCIPLINA CARGA HORÁRIA REMUNERAÇÃO PROFESSOR PEDAGOGO 200 R$ 1.942,69 (hum mil, novecentos e quarenta

Leia mais

O PERFIL DOS CANDIDATOS AO CARGO DE DEPUTADO FEDERAL NAS ELEIÇÕES DE 2014 NO ESTADO DE SANTA CATARINA

O PERFIL DOS CANDIDATOS AO CARGO DE DEPUTADO FEDERAL NAS ELEIÇÕES DE 2014 NO ESTADO DE SANTA CATARINA O PERFIL DOS CANDIDATOS AO CARGO DE DEPUTADO FEDERAL NAS ELEIÇÕES DE 2014 NO ESTADO DE SANTA CATARINA MONZANI, Rodrigo Martins 1 ; PAIXÃO, Alessandro 1 ; ALMIRON, Adriana de 2 ; PINTO, Elysa Alencar 2

Leia mais

Pedagogia. 1º PERÍODO Carga Horária e Creditação

Pedagogia. 1º PERÍODO Carga Horária e Creditação Cep: 37200000 Pedagogia Matriz Curricular 1 (entrada no mês de Fevereiro) Nivelamentos Leitura e Produção de textos 60 Gramática 60 Carga Horária Total 120 Educação a Distância: Primeiras Aproximações

Leia mais

O TRINÔMIO IES, DISCENTE E PROFISSIONAL:

O TRINÔMIO IES, DISCENTE E PROFISSIONAL: Instituto de Engenharia, Inovação e Tecnologia Textos para Discussão Nº 01 1 O TRINÔMIO IES, DISCENTE E PROFISSIONAL: Engenharia de Produção David Morais davidmorais@sociologist.com 2014 Textos para Discussão

Leia mais

Educação Profissional Técnica de Nível Médio no Censo Escolar

Educação Profissional Técnica de Nível Médio no Censo Escolar Educação Profissional Técnica de Nível Médio no Censo Escolar Coordenação-Geral de Controle de Qualidade e de Tratamento da Informação Ione de Medeiros Lima Coordenação-Geral do Censo Escolar Célia Cristina

Leia mais

Sistemas de Ensino. Ana Nobre, Hélder Pereira, Ademiro do Rosário Teresa Vieira, António Chimuzu. Portugal, Cabo Verde, Angola, Moçambique e Brasil

Sistemas de Ensino. Ana Nobre, Hélder Pereira, Ademiro do Rosário Teresa Vieira, António Chimuzu. Portugal, Cabo Verde, Angola, Moçambique e Brasil Sistemas de Ensino Ana Nobre, Hélder Pereira, Ademiro do Rosário Teresa Vieira, António Chimuzu Portugal, Cabo Verde, Angola, Moçambique e Brasil É objetivo desta publicação evidenciar diferentes sistemas

Leia mais

ANEXO B INFORMAÇÕES PESSOAIS

ANEXO B INFORMAÇÕES PESSOAIS ANEXO B INFORMAÇÕES PESSOAIS Nome: Telefone: e-mail: 1. Sexo: a.( ) Masculino b. ( ) Feminino 2. Idade: a. ( ) 21 30 anos b. ( ) 31 40 anos c. ( ) 41 50 anos d. ( ) Mais de 50 anos FORMAÇÃO. Obs.: Caso

Leia mais

NÚMEROS INSTITUCIONAIS

NÚMEROS INSTITUCIONAIS Município Sede: Guarapuava Paraná Campus Universitário Santa Cruz Rua Presidente Zacarias, 875 Cx. Postal 3010 CEP 85015-430 Guarapuava Paraná. Campus Universitário CEDETEG Rua Simeão Camargo Varela de

Leia mais

Edital 015/ PROGRAD Complementação da Lista de Espera do SISU 2017/2

Edital 015/ PROGRAD Complementação da Lista de Espera do SISU 2017/2 MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE TECNOLÓGICA FEDERAL DO PARANÁ PRÓ-REITORIA DE GRADUAÇÃO E EDUCAÇÃO PROFISSIONAL DEPARTAMENTO DE PROCESSOS SELETIVOS DEPPS Edital 015/2017 - PROGRAD Complementação da

Leia mais

O PERFIL DOS PROFESSORES DO 5º E 9º ANOS DA EDUCAÇÃO BÁSICA DA REGIÃO DO MACIÇO DE BATURITÉ, CEARÁ

O PERFIL DOS PROFESSORES DO 5º E 9º ANOS DA EDUCAÇÃO BÁSICA DA REGIÃO DO MACIÇO DE BATURITÉ, CEARÁ O PERFIL DOS PROFESSORES DO 5º E 9º ANOS DA EDUCAÇÃO BÁSICA DA REGIÃO DO MACIÇO DE BATURITÉ, CEARÁ Alexandre José de Souza Peres, Instituto Nacional de Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep) Luciano

Leia mais

FICHA TÉCNICA. Título Perfil do Docente 2009/2010 Física e química

FICHA TÉCNICA. Título Perfil do Docente 2009/2010 Física e química PERFIL DO DOCENTE 2009/2010 FÍSICA E QUÍMICA 1 FICHA TÉCNICA Título Perfil do Docente 2009/2010 Física e química Autoria Gabinete de Estatística e Planeamento da Educação (GEPE) Direcção de Serviços de

Leia mais

Comissão Administrativa Provisória BOLSA DE CONTRATAÇÃO DE ESCOLA CRITÉRIOS DE CONTRATAÇÃO

Comissão Administrativa Provisória BOLSA DE CONTRATAÇÃO DE ESCOLA CRITÉRIOS DE CONTRATAÇÃO CONTRATAÇÃO COM VISTA AO SUPRIMENTO DE NECESSIDADES TEMPORÁRIAS PARA O ANO ESCOLAR DE 2015/2016 Dando cumprimento ao disposto no n.º 1 do art.º 40.º, conjugado com o n.º 7 do art.º 39, ambos do Decreto-Lei

Leia mais

MEC. Censo Escolar 2015 Notas Estatísticas. Brasília-DF março de 2016

MEC. Censo Escolar 2015 Notas Estatísticas. Brasília-DF março de 2016 MEC Censo Escolar 215 Notas Estatísticas Brasília-DF março de 216 MEC Agenda O desafio da universalização Educação infantil Creche e Pré-escola Ensino fundamental Anos iniciais e anos finais Ensino médio

Leia mais

PRÓ-REITORIA DE EDUCAÇÃO A DISTÂNCIA SELEÇÃO DE TUTORES PARA OS CURSOS DE GRADUAÇÃO E DE PÓS-GRADUAÇÃO NA MODALIDADE A DISTÂNCIA EDITAL Nº 01/2016

PRÓ-REITORIA DE EDUCAÇÃO A DISTÂNCIA SELEÇÃO DE TUTORES PARA OS CURSOS DE GRADUAÇÃO E DE PÓS-GRADUAÇÃO NA MODALIDADE A DISTÂNCIA EDITAL Nº 01/2016 PRÓ-REITORIA DE EDUCAÇÃO A DISTÂNCIA SELEÇÃO DE TUTORES PARA OS CURSOS DE GRADUAÇÃO E DE PÓS-GRADUAÇÃO NA MODALIDADE A DISTÂNCIA EDITAL Nº 01/2016 A Cruzeiro do Sul S/A, por meio da Pró-Reitoria de Educação

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DO AMAPÁ PRÓ-REITORIA DE ENSINO DE GRADUAÇÃO RETIFICAÇÃO DO ANEXO I DO EDITAL N. 022/2011

UNIVERSIDADE FEDERAL DO AMAPÁ PRÓ-REITORIA DE ENSINO DE GRADUAÇÃO RETIFICAÇÃO DO ANEXO I DO EDITAL N. 022/2011 UNIVERSIDADE FEDERAL DO AMAPÁ PRÓ-REITORIA DE ENSINO DE GRADUAÇÃO RETIFICAÇÃO DO ANEXO I DO EDITAL N. 022/2011 O Reitor da Universidade Federal do Amapá UNIFAP, no uso de suas atribuições legais, e em

Leia mais

FORMULÁRIO: ESTUDANTE

FORMULÁRIO: ESTUDANTE COMISSÃO PRÓPRIA DE AVALIAÇÃO INSTRUMENTO DE AVALIAÇÃO DE CURSO GRADUAÇÃO PRESENCIAL FORMULÁRIO: ESTUDANTE 2016 CURSO EM AVALIAÇÃO: CAMPUS: ( ) Campus Ariquemes ( ) Campus Cacoal ( ) Campus Guajará-Mirim

Leia mais

PERFIL DOS ALUNOS INGRESSANTES CARACTERÍSTICAS SÓCIO-ECONÔMICAS Curso : BIOMEDICINA

PERFIL DOS ALUNOS INGRESSANTES CARACTERÍSTICAS SÓCIO-ECONÔMICAS Curso : BIOMEDICINA CARACTERÍSTICAS SÓCIO-ECONÔMICAS Quadro e Gráfico 01 - Renda familiar mensal Não informado 1 0 1 Até R$ 26 0 0 0 de R$ 261,00 a R$ 78 0 1 1 de R$ 781,00 a R$ 1.30 1 1 2 1 de R$ 1.301,00 a R$ 1.82 3 2 5

Leia mais

Parte 1 Código / Área Temática. Educação Especial

Parte 1 Código / Área Temática. Educação Especial NOME DO CURSO: O Ensino de Língua Portuguesa como segunda língua para estudantes surdos e/ou com deficiência auditiva Nível: Especialização Modalidade: A distância Parte 1 Código / Área Temática Código

Leia mais

Conselho Federal de Psicologia Centro de Referência Técnica em Psicologia e Políticas Públicas

Conselho Federal de Psicologia Centro de Referência Técnica em Psicologia e Políticas Públicas ESTRUTURA DO QUESTIONÁRIO PESQUISA SOBRE A ATUAÇÃO PROFISSIONAL DE PSICÓLOGOS E PSICÓLOGAS EM POLÍTICAS SOBRE POPULAÇÃO EM SITUAÇÃO DE RUA I - DADOS PESSOAIS (PERFIL) 1.1. Sexo: Masculino Feminino 1.2.

Leia mais

Pedagogia Licenciatura S-20 - Educação e Diversidade S-20 - Filosofia Geral

Pedagogia Licenciatura S-20 - Educação e Diversidade S-20 - Filosofia Geral Página 0001 de 0004 1º Período 6387-02S-20 - Educação e Diversidade 0 40-040 0491-02S-20 - Filosofia Geral 0 40-040 PED 0845-02S-20 - História da Educação I 0 40-040 PED 0752-02S-20 - Introdução à 0 40-040

Leia mais

PROCESSO SELETIVO Nº 1/2016 EDITAL RESUMIDO DE ABERTURA DE INSCRIÇÕES

PROCESSO SELETIVO Nº 1/2016 EDITAL RESUMIDO DE ABERTURA DE INSCRIÇÕES A Prefeitura Municipal de Capivari, Estado de São Paulo, através da Secretaria Municipal da Educação, torna pública a abertura de Processo Seletivo para a formação de Cadastro de Reserva visando à contratação

Leia mais

Programa de Pós-Graduação em Biologia Comparada NORMAS PARA ESTÁGIO NA DOCÊNCIA

Programa de Pós-Graduação em Biologia Comparada NORMAS PARA ESTÁGIO NA DOCÊNCIA Programa de Pós-Graduação em Biologia Comparada NORMAS PARA ESTÁGIO NA DOCÊNCIA Aprovada pela Resolução nº 101/11-PGB 1. O Estágio na Docência na Graduação é uma atividade curricular para alunos de pósgraduação

Leia mais

Audiovisual / Artes do vídeo / Campo das Artes / Experiência com manipulação sonora desejada

Audiovisual / Artes do vídeo / Campo das Artes / Experiência com manipulação sonora desejada Concurso Docente 07 LISTA DE MATÉRIAS E VAGAS, POR CAMPUS E UNIDADES ACADÊMICAS Unids. Univ. Matéria Perfil e Titulação DE Performance, Imagem e Vídeo / Práticas artísticas / Campo das Artes Cinema e Criação

Leia mais

SEMINÁRIO DE INICIAÇÃO A PESQUISA E EXTENSÃO

SEMINÁRIO DE INICIAÇÃO A PESQUISA E EXTENSÃO INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DO RIO GRANDE DO NORTE SEMINÁRIO DE INICIAÇÃO A PESQUISA E EXTENSÃO Docente: Éberton da Silva Marinho e-mail: ebertonsm@gmail.com eberton.marinho@ifrn.edu.br

Leia mais

CENSO ESCOLAR - EDUCACENSO

CENSO ESCOLAR - EDUCACENSO MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO INSTITUTO NACIONAL DE ESTUDOS E PESQUISAS EDUCACIONAIS ANÍSIO TEIXEIRA DIRETORIA DE ESTATÍSTICAS EDUCACIONAIS COORDENAÇÃO GERAL DO CENSO ESCOLAR DA EDUCAÇÃO BÁSICA CENSO ESCOLAR

Leia mais

QUADROS RESUMOS GOIÁS

QUADROS RESUMOS GOIÁS QUADROS RESUMOS GOIÁS Total de profissionais: 46.744 Enfermeiros: 11.801 Auxiliares e Técnicos de Enfermagem: 34.943 QUADRO RESUMO PERFIL SÓCIO ECONOMICO DA EQUIPE DE ENFERMAGEM GOIÁS BLOCO 1 Descrição

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DE TEFÉ EDITAL DE RETIFICAÇÃO Nº 001/2014

PREFEITURA MUNICIPAL DE TEFÉ EDITAL DE RETIFICAÇÃO Nº 001/2014 (*) Total de Vagas (**) Vagas PcD (*) Total de Vagas (**) Vagas PcD PREFEITURA MUNICIPAL DE TEFÉ EDITAL DE RETIFICAÇÃO Nº 001/2014 O Prefeito Municipal de Tefé - AM no uso de suas atribuições legais e

Leia mais

PERFIL DOS CANDIDATOS - VESTIBULAR 2009 PSICOLOGIA I - CARACTERÍSTICAS SÓCIO-CULTURAIS

PERFIL DOS CANDIDATOS - VESTIBULAR 2009 PSICOLOGIA I - CARACTERÍSTICAS SÓCIO-CULTURAIS I - CARACTERÍSTICAS SÓCIO-CULTURAIS 01 - Sexo 17,05 % Masculino 135 17,05 Feminino 657 82,95 792 100 82,95 02 - Faixa etária M F % Menos de 16 anos 2 5 7 De 16 a 18 anos 77 495 572 72,22 De 19 a 21 anos

Leia mais

PERFIL DOS CANDIDATOS - VESTIBULAR 2009 ARQUITETURA E URBANISMO I - CARACTERÍSTICAS SÓCIO-CULTURAIS

PERFIL DOS CANDIDATOS - VESTIBULAR 2009 ARQUITETURA E URBANISMO I - CARACTERÍSTICAS SÓCIO-CULTURAIS I - CARACTERÍSTICAS SÓCIO-CULTURAIS 01 - Sexo % Masculino 166 27,35 Feminino 441 72,65 607 100 72,65 27,35 02 - Faixa etária 0,99 2,14 M F % Menos de 16 anos 4 9 13 2,14 De 16 a 18 anos 116 366 482 79,41

Leia mais

ANEXO I DOS CARGOS ITEGO BASILEU FRANÇA. partitura Finale/Encore e Sibelius

ANEXO I DOS CARGOS ITEGO BASILEU FRANÇA. partitura Finale/Encore e Sibelius ANEXO I DOS CARGOS ITEGO BASILEU FRANÇA CÓD. Cargo Área Formação Exigida CH Cad. Reserva Remuneração Ensino Médio e ou Habilitação técnica em Música 200 Arquivista Música com experiência nos programas

Leia mais

BOLETIM ELETRÔNICO DE SERVIÇOS. Resoluções - CONSUP

BOLETIM ELETRÔNICO DE SERVIÇOS. Resoluções - CONSUP BOLETIM ELETRÔNICO DE SERVIÇOS Resoluções - CONSUP Teresina (PI), 22 de Dezembro de 2014 RESOLUÇÃO N 069/2014 - CONSELHO SUPERIOR Aprova o Plano de Desenvolvimento Institucional -PDI (2015-2019) do Instituto

Leia mais

DISTRIBUIÇÃO DE SALAS 1º SEMESTRE/2017 CÂMPUS I

DISTRIBUIÇÃO DE SALAS 1º SEMESTRE/2017 CÂMPUS I PRÉDIO SALA TURNO MANHÃ TARDE NOITE 4.201 Centro de Línguas 4.212 Coordenação do Curso de Pedagogia 4.300 Coordenação do Curso de Nutrição 4.301 - - Nutrição/2017 4.302 - - Nutrição/2014 4.303 - - - 4.304

Leia mais

CURSO DE LICENCIATURA PLENA EM QUÍMICA

CURSO DE LICENCIATURA PLENA EM QUÍMICA CURSO DE LICENCIATURA PLENA EM QUÍMICA 1 Perfil do Curso O curso de Licenciatura em Química do IF SERTÃO-PE Campus Floresta destina-se a formação de professores para a educação básica, o ensino médio e

Leia mais

NOME DO CURSO: Acessibilidade na Atividade Física Escolar Nível: Aperfeiçoamento Modalidade: A distância

NOME DO CURSO: Acessibilidade na Atividade Física Escolar Nível: Aperfeiçoamento Modalidade: A distância NOME DO CURSO: Acessibilidade na Atividade Física Escolar Nível: Aperfeiçoamento Modalidade: A distância Parte 1 Código / Área Temática Código / Nome do Curso Etapa de ensino a que se destina Educação

Leia mais

Impacto do aumento do Piso Nacional do Magistério

Impacto do aumento do Piso Nacional do Magistério 5 Impacto do aumento do Piso Nacional do Magistério O Ministério da Educação (MEC) anunciou nesta segunda-feira, 27 de fevereiro, o valor do novo piso salarial dos professores da rede pública brasileira.

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SERGIPE CENTRO DE CIÊNCIAS EXATAS E TECNOLOGIA DEPARTAMENTO DE ENGENHARIA QUÍMICA INSTRUÇÃO NORMATIVA Nº 01/2013/DEQ

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SERGIPE CENTRO DE CIÊNCIAS EXATAS E TECNOLOGIA DEPARTAMENTO DE ENGENHARIA QUÍMICA INSTRUÇÃO NORMATIVA Nº 01/2013/DEQ UNIVERSIDADE FEDERAL DE SERGIPE CENTRO DE CIÊNCIAS EXATAS E TECNOLOGIA DEPARTAMENTO DE ENGENHARIA QUÍMICA INSTRUÇÃO NORMATIVA Nº 01/2013/DEQ Distribuição da carga horária de atividade docente no Departamento

Leia mais

CATÁLOGO DE REQUISITOS DE TITULAÇÃO PARA DOCÊNCIA

CATÁLOGO DE REQUISITOS DE TITULAÇÃO PARA DOCÊNCIA CENTRO ESTADUAL DE EDUCAÇÃO TECNOLÓGICA PAULA SOUZA GOVERNO DO ESTADO DE SÃO PAULO CATÁLOGO DE REQUISITOS DE TITULAÇÃO PARA DOCÊNCIA Informações Gerais GRUPO DE FORMULAÇÃO E ANÁLISES CURRICULARES - GFAC

Leia mais

Avaliações Educacionais e o Ensino de Ciências e Matemática: o Enem: avaliação do desempenho dos estudantes em Ciências da Natureza

Avaliações Educacionais e o Ensino de Ciências e Matemática: o Enem: avaliação do desempenho dos estudantes em Ciências da Natureza Avaliações Educacionais e o Ensino de Ciências e Matemática: o Enem: avaliação do desempenho dos estudantes em Ciências da Natureza Marta F. Barroso 1, Marcelo S.O. Massunaga 2, Gustavo Rubini 3 1 UFRJ

Leia mais

Universidade Estadual do Sudoeste da Bahia PRO-REITORIA DE ADMINISTRAÇÃO E RECURSOS HUMANOS - PRARH GERENCIA DE RECURSOS HUMANOS - GRH

Universidade Estadual do Sudoeste da Bahia PRO-REITORIA DE ADMINISTRAÇÃO E RECURSOS HUMANOS - PRARH GERENCIA DE RECURSOS HUMANOS - GRH Universidade Estadual do Sudoeste da Bahia PRO-REITORIA DE ADMINISTRAÇÃO E RECURSOS HUMANOS - PRARH GERENCIA DE RECURSOS HUMANOS - GRH DOCUMENTOS EXIGIDOS PARA O INGRESSO NESTA INSTITUIÇÃO Carteira de

Leia mais