I - Conceito e dimensões:

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "I - Conceito e dimensões:"

Transcrição

1 I - Conceito e dimensões: 1. O sacramento da Confirmação que imprime caráter e pelo qual os batizados, continuando o caminho da iniciação cristã são enriquecidos com o dom do Espírito Santo e vinculados mais perfeitamente os obriga a serem testemunhas de Cristo pela palavra e ação e a difundirem e defenderem a fé. (Cân. 879) 2. Imprimindo na alma do cristão um sinal espiritual indelével, a confirmação só poderá ser recebida uma vez. 3. Pela força que o cristão recebe do Espírito Santo ao ser crismado, tornando-se sinal e luz é chamado a compartilhar das solicitudes pastorais da Igreja local, na fidelidade ao mesmo Espírito do Senhor. II - Celebração: 1. É conveniente que o Sacramento da Confirmação seja celebrado na Igreja e dentro da Missa; por causa justa e razoável, pode ser celebrado fora da Missa e em qualquer lugar digno. (Cân. 881) 1 / 8

2 2. O crisma utilizado no Sacramento da Confirmação deve ser consagrado pelo Bispo, mesmo que por virtude de concessão especial, o Sacramento seja ministrado pelo presbítero. 3. Tudo que se refere à celebração deve ser preparado com o maior zelo litúrgico. 4. Não sejam esquecidos: sal, água, sabonete e crachás com o nome bem legível do crismando. 5. Crismandos e padrinhos devem ser orientados quanto ao uso de vestimentas adequadas. III - Ministro da Confirmação: 1. Como sucessor dos Apóstolos e aquele que preside aos diversos carismas dos membros de sua comunidade, o Bispo é o ministro ordinário da Confirmação. (Lumen Gentium 26; Rito da Confirmação, 7) 2. O presbítero que, em virtude do ofício ou mandado do Bispo Diocesano, batiza a quem já saiu da infância ou admite na plena comunhão da Igreja Católica já batizado. (Cân. 883, 2) 2 / 8

3 3. O pároco ou qualquer presbítero, quando a pessoa se acha em perigo de morte. IV - Quem pode receber a Confirmação: 1. Todo batizado que ainda não esteja confirmado e somente ele. (Cân. 889, 1) 2. Exceto em perigo de morte, para alguém receber licitamente a Confirmação, se requer caso tenha uso da razão, que esteja convenientemente instruído, devidamente disposto e que possa renovar as promessas do Batismo. (Cân. 889, 2) 3. Quem tenha no mínimo quinze anos completos de idade na época da inscrição para o curso de preparação. (Norma da Arquidiocese de Niterói) 4. Quem tenha freqüentado o curso de preparação; mínimo de seis meses e máximo de um ano, sendo tolerados, apenas 10% de faltas e com justificativas. (Norma da Arquidiocese de Niterói) 5. O crismando que tenha participado das celebrações Eucarísticas aos domingos e dias de preceito. 3 / 8

4 6. Deficientes físicos ou mentais, devendo usar-se da máxima compreensão e caridade e facilitando-lhes, o mais possíveis, a celebração do Sacramento, segundo as suas capacidades e as normas eclesiásticas (cf. C. T.41). V - Padrinhos: 1. Enquanto possível, assista ao confirmando um padrinho, a quem cabe cuidar que o confirmado se comporte como verdadeira testemunha de Cristo e cumpra com fidelidade as obrigações inerentes a este sacramento. (Cân. 892). 2. Seja escolhido pelo próprio crismando. (Cân. 874) 3. É conveniente que se assuma como padrinho o mesmo que assumiu esse encargo no Batismo. (Cân. 893, 2) 4. Tenha dezesseis anos completos. (Cân. 874, 2) 5. Seja católico confirmado, já tenha recebido o Santíssimo Sacramento da Eucaristia e tenha vida de acordo com a fé e o encargo que vai assumir. (Cân. 874, 3) 4 / 8

5 6. Não tenha sofrido nenhuma pena canônica legitimamente declarada. (Cân. 874, 4) 7. Não seja pai ou mãe do confirmando (cf. Cân. 874, 5) 8. Seja admitido, apenas, um padrinho ou madrinha para cada confirmado. 9. Não é exigido que padrinho ou madrinha seja do mesmo sexo do confirmando. 10. Não pode ser padrinho ou madrinha do confirmando, mas, apenas, testemunha, junto com o padrinho católico ou madrinha católica, quem é batizado e pertence a uma comunidade eclesial não católica. (Cân. 874, 2) VI - Registro da Confirmação: 1. No livro de Crisma da paróquia, o pároco deve anotar os nomes dos confirmados, pais, padrinhos, do ministro do sacramento, o lugar e o dia da Confirmação. 5 / 8

6 VII - Preparação: 1. Deve haver uma preparação que conscientize o crismando da responsabilidade que está assumindo, versando a mesma sobre um conteúdo bíblico-doutrinário-litúrgico. 2. Quanto ao método a ser utilizado sugerimos o VER-JULGAR-AGIR, assumido pela Igreja Latino-Americana, em Medelin e Puebla reassumido por Santo Domingo, quando foram acrescentados o REVER e o CELEBRAR. 3. Não devem ser esquecidas técnicas dinâmicas e recursos audiovisuais, que dinamizem e facilitem o processo ensino-aprendizagem, motivando os confirmados a uma vivência verdadeiramente cristã. 4. Ao longo da preparação deve haver encontros catequéticos para pais e padrinhos. 5. A responsabilidade desta preparação cabe à equipe de pastoral da Confirmação da paróquia, sob a supervisão do pároco. 6. Os membros da equipe devem estar atentos à importância dos seguintes quesitos: 6 / 8

7 testemunhos de fé e vivência cristã; acolhida e bom relacionamento com a comunidade; elaboração do plano dos encontros; acompanhamento e avaliação quanto ao crescimento dos confirmandos sob os aspectos espiritual e humano. VIII - Comunhão na Igreja: Muitas vezes, falaremos aos crismandos sobre a unidade em nossa paróquia. Sendo assim, além do pároco, os responsáveis pela equipe de confirmação devem dar exemplo de estar unida ao Vigário Episcopal e ao Arcebispo, seguindo as orientações da Arquidiocese, procurando valorizar os subsídios por ela preparados, comparecendo as reuniões vicariais e arquidiocesanas, quando convocados. É só vivendo assim que podemos convidar e nos alegrar pela presença do Bispo quando vem para administrar o sacramento da Confirmação. (Arquidiocese de Niterói) Por: Lourdinha Salles e Passos - Paróquia São Francisco Xavier Niterói RJ 7 / 8

8 JMJ 8 / 8

Mater Ecclesiae. Liturgia 2 Aula 4 Confirmação

Mater Ecclesiae. Liturgia 2 Aula 4 Confirmação Mater Ecclesiae Liturgia 2 Aula 4 Confirmação Fundamentação Bíblica O Espírito de Deus é um dom transformador Juízes são fortalecidos Jz 6,34 Reis são consagrados para governar 1Sm 10,1; 16,13 Profetas

Leia mais

O Sacramento da Ordem - V Seg, 29 de Dezembro de :26 - Pe. Henrique Soares da Costa

O Sacramento da Ordem - V Seg, 29 de Dezembro de :26 - Pe. Henrique Soares da Costa Pe. Henrique Soares da Costa No artigo passado vimos em que sentido o sacramento da Ordem confere um modo especial de participar do único sacerdócio de Cristo. Veremos, agora como é celebrado este sacramento,

Leia mais

Igreja, casa da iniciação à vida cristã

Igreja, casa da iniciação à vida cristã Igreja, casa da iniciação à vida cristã Igreja, casa da iniciação à vida cristã Paulo e Silas anunciaram a Palavra do Senhor ao carcereiro e a todos os da sua casa. E, imediatamente, foi batizado, junto

Leia mais

ARQUIDIOCESE DE SÃO PAULO CALENDÁRIO ARQUIDIOCESANO DE PASTORAL 2017

ARQUIDIOCESE DE SÃO PAULO CALENDÁRIO ARQUIDIOCESANO DE PASTORAL 2017 ARQUIDIOCESE DE SÃO PAULO CALENDÁRIO ARQUIDIOCESANO DE PASTORAL 2017 Consulte sempre o site da Arquidiocese, pois irão sendo registradas as alterações e complementações que ocorrerem. DIA/SEM 20.01.2017

Leia mais

Quais os Sacramentos de iniciação cristã? Batismo Confirmação Eucaristia

Quais os Sacramentos de iniciação cristã? Batismo Confirmação Eucaristia Quais os Sacramentos de iniciação cristã? Batismo Confirmação Eucaristia Batismo O que é o Batismo? O Batismo é o caminho do reino da morte para a Vida, a porta da Igreja e o começo de uma comunhão duradoira

Leia mais

Calendário Janeiro. Fevereiro. São Paulo da Cruz - Calvário 20/02 qui 14h00 Equipe Regional de Comunicação Região Sé

Calendário Janeiro. Fevereiro. São Paulo da Cruz - Calvário 20/02 qui 14h00 Equipe Regional de Comunicação Região Sé Calendário 2014 Janeiro 01/01 qua Confraternização Universal 01/01 qua Solenidade da Santa Mãe de Deus 22 a 24 --- Triduo para a Festa de São Paulo Catedral da Sé 25/01 sáb 09h00 Celebração da Festa de

Leia mais

ESTATUTO DOS SERVIDORES DO ALTAR Santuário Nossa Senhora Aparecida São Bernardo do Campo SP. Diocese de Santo André SP.

ESTATUTO DOS SERVIDORES DO ALTAR Santuário Nossa Senhora Aparecida São Bernardo do Campo SP. Diocese de Santo André SP. 1 ESTATUTO DOS SERVIDORES DO ALTAR Santuário Nossa Senhora Aparecida São Bernardo do Campo SP. Diocese de Santo André SP. Pelo presente documento, a Paróquia Santuário Nossa Senhora Aparecida regula e

Leia mais

Bem-vindo ao Projeto de Iniciação Cristã do Colégio Anchieta!

Bem-vindo ao Projeto de Iniciação Cristã do Colégio Anchieta! Bem-vindo ao Projeto de Iniciação Cristã do Colégio Anchieta! Conhecer Jesus é o melhor presente que qualquer pessoa pode receber; tê-lo encontrado foi o melhor que ocorreu em nossas vidas, e fazê-lo conhecido

Leia mais

Paróquia Divino Espírito Santo

Paróquia Divino Espírito Santo Paróquia Divino Espírito Santo M C J Núcleo Divino Espírito Santo EDIÇÃO XVii OUTUBRO/2015 Página 4 CONFIRA TAMBÉM: Catequese do Papa Francisco Página 03 Mensagem da Coordenação Geral Página 02 Página

Leia mais

Os bispos, como pastores e guias espirituais das comunidades a nós encomendadas, somos chamados a fazer da Igreja uma casa e escola de comunhão.

Os bispos, como pastores e guias espirituais das comunidades a nós encomendadas, somos chamados a fazer da Igreja uma casa e escola de comunhão. Os bispos, como pastores e guias espirituais das comunidades a nós encomendadas, somos chamados a fazer da Igreja uma casa e escola de comunhão. Como animadores da comunhão, temos a missão de acolher,

Leia mais

Por : Lourdinha Salles e Passos. Apresentação. Sendo assim, aprovo este Diretório para o Sacramento do Batismo, e o torno obrig

Por : Lourdinha Salles e Passos. Apresentação. Sendo assim, aprovo este Diretório para o Sacramento do Batismo, e o torno obrig Diretório do Sacramento do Batismo Por : Lourdinha Salles e Passos Apresentação Era meu desejo, de longa, que nossa Arquidiocese tivesse um Diretório do Sacram O Batismo, entre outros efeitos, incorporando-nos

Leia mais

A P R E S E N T A Ç Ã O

A P R E S E N T A Ç Ã O A P R E S E N T A Ç Ã O Com imensa alegria, na Solenidade de Nosso Senhor Jesus Cristo, Rei do Universo, e na firme e operosa esperança de que Ele seja sempre mais o Senhor do universo de nossa Igreja

Leia mais

ITINERÁRIO CATEQUÉTICO. Iniciação à vida cristã: Um processo de inspiração catecumenal

ITINERÁRIO CATEQUÉTICO. Iniciação à vida cristã: Um processo de inspiração catecumenal ITINERÁRIO CATEQUÉTICO Iniciação à vida cristã: Um processo de inspiração catecumenal COMO É PROPOSTO O PROCESSO CATEQUÉTICO NO ITINERÁRIO? O Itinerário orienta a construção do processo catequético conforme

Leia mais

ENSINO RELIGIOSO REVISÃO GERAL III TRIMESTRE 6ºs ANOS

ENSINO RELIGIOSO REVISÃO GERAL III TRIMESTRE 6ºs ANOS COLÉGIO SALESIANO DOM BOSCO. ENSINO RELIGIOSO REVISÃO GERAL III TRIMESTRE 6ºs ANOS TEMA: OS RITOS E OS RITUAIS : OS SETE SACRAMENTOS DA IGREJA. CAPÍTULOS 9 AO 12 DO LIVRO DIDÁTICO (RSE). Professor: Roberto

Leia mais

NORMATIVAS PASTORAIS PARA A CELEBRAÇÃO DO BATISMO

NORMATIVAS PASTORAIS PARA A CELEBRAÇÃO DO BATISMO DIOCESE DE BRAGANÇA MIRANDA NORMATIVAS PASTORAIS PARA A CELEBRAÇÃO DO BATISMO Para os Párocos e respetivas comunidades Cristãs, especialmente para os Pais e para os Padrinhos 2012 1 A ESCLARECIMENTO PRÉVIO

Leia mais

O Rito de Iniciação Cristã de Adultos (= RICA) Características fundamentais e Perguntas mais frequentes...

O Rito de Iniciação Cristã de Adultos (= RICA) Características fundamentais e Perguntas mais frequentes... O Rito de Iniciação Cristã de Adultos (= RICA) Características fundamentais e Perguntas mais frequentes... O que é RICA? O Rito de Iniciação Cristã é destinado a adultos que ouviram o anúncio do mistério

Leia mais

RESUMO. Apresentação abreviada Recapitulação breve = repetição do que foi apresentado Para transmitir uma ideia geral do que foi apresentado

RESUMO. Apresentação abreviada Recapitulação breve = repetição do que foi apresentado Para transmitir uma ideia geral do que foi apresentado UMA TENTATIVA RESUMO Apresentação abreviada Recapitulação breve = repetição do que foi apresentado Para transmitir uma ideia geral do que foi apresentado SÍNTESE Mostra e revela as relações entre elementos

Leia mais

Diocese de Criciúma. Plano. Diocesano. de Pastoral

Diocese de Criciúma. Plano. Diocesano. de Pastoral Diocese de Criciúma Plano Diocesano de Pastoral 2012-2016 OBJETIVO GERAL Nós, povo de Deus da Diocese de Criciúma, animados pela Santíssima Trindade, queremos: Evangelizar vivendo em comunidade, como Igreja

Leia mais

1- ASSUNTO: Curso de liturgia na Paróquia Santo Antônio

1- ASSUNTO: Curso de liturgia na Paróquia Santo Antônio 1- ASSUNTO: Curso de liturgia na Paróquia Santo Antônio 2- TEMA: Liturgia 3- OBJETIVO GERAL Assessorar as 12 comunidades pertencentes à Paróquia Santo Antônio, motivando-as a celebrar com fé o Mistério

Leia mais

O Papa João Paulo II Magno afirma no número 34 da Ecclesia de

O Papa João Paulo II Magno afirma no número 34 da Ecclesia de Côn. Henrique Soares da Costa A Eucaristia faz a Igreja ser corpo de Cristo. Neste corpo, formado por muitos membros, nem todos fazem a mesma coisa, mas cada um tem sua função, seu dom, seu modo específico

Leia mais

ORIENTAÇÕES PARA A INICIAÇÃO CRISTÃ DAS CRIANÇAS E DOS ADOLESCENTES EM IDADE DE CATEQUESE

ORIENTAÇÕES PARA A INICIAÇÃO CRISTÃ DAS CRIANÇAS E DOS ADOLESCENTES EM IDADE DE CATEQUESE ORIENTAÇÕES PARA A INICIAÇÃO CRISTÃ DAS CRIANÇAS E DOS ADOLESCENTES EM IDADE DE CATEQUESE Preâmbulo 1. A iniciação cristã das crianças e adolescentes pelo catecumenado constitui uma realidade relevante

Leia mais

Diocese de Patos-PB CALENDÁRIO DAS ATIVIDADES 2017

Diocese de Patos-PB CALENDÁRIO DAS ATIVIDADES 2017 Diocese de Patos-PB CALENDÁRIO DAS ATIVIDADES 2017 OBJETIVO GERAL Evangelizar, tendo como modelo Jesus Cristo, rosto da misericórdia e missionário do Pai, na força do Espírito Santo, como Igreja discípula,

Leia mais

Botucatu, 11 de março de ª feira da 4ª Semana da Quaresma

Botucatu, 11 de março de ª feira da 4ª Semana da Quaresma Botucatu, 11 de março de 2016-6ª feira da 4ª Semana da Quaresma Prezados Padres, Diáconos, Religiosos, Seminaristas, Coordenadores Arquidiocesanos de Pastorais, Movimentos, Associações e Organismos Eclesiais

Leia mais

Bem-vindo ao Projeto de Iniciação Cristã do Colégio Anchieta!

Bem-vindo ao Projeto de Iniciação Cristã do Colégio Anchieta! Bem-vindo ao Projeto de Iniciação Cristã do Colégio Anchieta! Conhecer Jesus é o melhor presente que qualquer pessoa pode receber; tê-lo encontrado foi o melhor que ocorreu em nossas vidas, e fazê-lo conhecido

Leia mais

PASTORAL DO BATISMO Apóstolos e Missão de Batizar: OBJETIVO: O que é o Batismo

PASTORAL DO BATISMO Apóstolos e Missão de Batizar: OBJETIVO: O que é o Batismo PASTORAL DO BATISMO Apósttollos e Miissão de Battiizarr:: Todas as prefigurações da antiga aliança encontram sua realização em Cristo Jesus. Ele começa sua vida pública depois de ter-se feito batizar por

Leia mais

(ANÁMNESIS) ATUALIZAÇÃO DA GRAÇA - SETENÁRIO SACRAMENTAL

(ANÁMNESIS) ATUALIZAÇÃO DA GRAÇA - SETENÁRIO SACRAMENTAL SACRAMENTOS - III (ANÁMNESIS) ATUALIZAÇÃO DA GRAÇA - SETENÁRIO SACRAMENTAL - 1 COMO OS SACRAMENTOS ATUALIZAM A GRAÇA NAS DIVERSAS SITUAÇÕES DA VIDA 2 1. O QUE ACONTECE NO BATISMO? 3 NO BATISMO, A PESSOA

Leia mais

SACRAMENTO DO MATRIMÔNIO

SACRAMENTO DO MATRIMÔNIO SACRAMENTO DO MATRIMÔNIO Objetivo geral do encontro: Ao final deste encontro, o grupo deverá ser capaz de compreender o Matrimônio como uma instituição elevada à categoria de Sacramento por Jesus Cristo,

Leia mais

ORGANIZAÇÃO DA CATEQUESE

ORGANIZAÇÃO DA CATEQUESE Proposta Comissão Diocesana ORGANIZAÇÃO DA CATEQUESE - MATERIAL DIDÁTICO - INSCRIÇÕES (crianças, adolescentes, adultos) - FORMAÇÃO DOS CATEQUISTAS- ORGANIZAÇÃO DA CATEQUESE OBJETIVO: Que a catequese na

Leia mais

DIOCESE DE GUARAPUAVA

DIOCESE DE GUARAPUAVA DIOCESE DE GUARAPUAVA Diretrizes gerais da Diocese de Guarapuava para Conselhos Pastorais Documento de estudos Assembleia Diocesana 1- Será realizada anualmente seguindo a seguinte ordem: 1.1- Assembleia

Leia mais

Bem-vindo ao Projeto de Iniciação Cristã do Colégio Anchieta!

Bem-vindo ao Projeto de Iniciação Cristã do Colégio Anchieta! Bem-vindo ao Projeto de Iniciação Cristã do Colégio Anchieta! Conhecer Jesus é o melhor presente que qualquer pessoa pode receber; tê-lo encontrado foi o melhor que ocorreu em nossas vidas, e fazê-lo conhecido

Leia mais

Paróquia de Ceira. Plano Pastoral

Paróquia de Ceira. Plano Pastoral Plano Pastoral 2012 13 A Igreja tem no mundo uma missão a cumprir que Lhe foi confiada por Jesus Cristo. Ela tem de tentar ser fiel a essa missão através: Da Profecia, ou o anúncio do Evangelho; Da Diaconia,

Leia mais

NOVEMBRO Barómetro: 9h00 11h00

NOVEMBRO Barómetro: 9h00 11h00 NOVEMBRO 2016 Dia 01 (Terça Feira) - Início das Inscrições das Grávidas - TODOS OS SANTOS - Encontro Cáritas: 10h00 - Secretariado Permanente: 21h00 Dia 02 (Quarta Feira) - COMEMORAÇÃO DE TODOS OS FIÉIS

Leia mais

JANEIRO 2017 CENTENÁRIO DAS APARIÇÕES DE FÁTIMA

JANEIRO 2017 CENTENÁRIO DAS APARIÇÕES DE FÁTIMA JANEIRO 2017 CENTENÁRIO DAS APARIÇÕES DE FÁTIMA Dia 01 (DOMINGO da oitava do NATAL DO SENHOR) - Celebrar Aniversários de Nascimento e de Matrimónio SANTA MARIA, MÃE DE DEUS Dia 02 (Segunda Feira) SS. BASÍLIO

Leia mais

Fiéis em cristo. Direitos e deveres dos fiéis leigos. Paróquia São Francisco de Assis Ribeirão Preto 05/08/2015

Fiéis em cristo. Direitos e deveres dos fiéis leigos. Paróquia São Francisco de Assis Ribeirão Preto 05/08/2015 Fiéis em cristo Direitos e deveres dos fiéis leigos Paróquia São Francisco de Assis Ribeirão Preto 05/08/2015 A igreja Necessidade de se fazer a distinção quando usamos o termo IGREJA. Quando falamos em

Leia mais

Roteiro de leitura e síntese para compreender. o significado da Comunidade Eclesial

Roteiro de leitura e síntese para compreender. o significado da Comunidade Eclesial Roteiro de leitura e síntese para compreender o significado da Comunidade Eclesial Comunidade Eclesial Sinal do Reino no presente e no futuro O livro está dividido em 4 capítulos: Refletindo sobre Comunidade

Leia mais

ESTRUTUTA DE CORRESPONSABILIDADE NA COORDENAÇÃO DA PASTORAL

ESTRUTUTA DE CORRESPONSABILIDADE NA COORDENAÇÃO DA PASTORAL Capítulo IV ESTRUTUTA DE CORRESPONSABILIDADE NA COORDENAÇÃO DA PASTORAL Introdução A unidade da Igreja tem um instrumento importante na unidade de ação, tarefa da coordenação de Pastoral. A preocupação

Leia mais

CATEDRAL METROPOLITANA DE BOTUCATU ARQUIDIOCESE SANTANA DE BOTUCATU ORIENTAÇÕES SOBRE O SACRAMENTO DO BATISMO

CATEDRAL METROPOLITANA DE BOTUCATU ARQUIDIOCESE SANTANA DE BOTUCATU ORIENTAÇÕES SOBRE O SACRAMENTO DO BATISMO CATEDRAL METROPOLITANA DE BOTUCATU ARQUIDIOCESE SANTANA DE BOTUCATU ORIENTAÇÕES SOBRE O SACRAMENTO DO BATISMO Antes de qualquer norma prática a respeito dos Sacramentos, a Arquidiocese de Botucatu quer

Leia mais

Agenda Pastoral 2016

Agenda Pastoral 2016 Arquidiocese de Ribeirão Preto Agenda Pastoral 2016 Janeiro 03/01 - Domingo - Epifania do Senhor 09/01 - Sábado - Capacitação para Agentes da CFE-2016 - Seminário - Brodowski 10/01 - Domingo - Batismo

Leia mais

Agenda Pastoral 2017

Agenda Pastoral 2017 Janeiro Arquidiocese de Ribeirão Preto Agenda Pastoral 2017 Finalizada em 5 de janeiro de 2017 (sujeito a alteração) 01/01 - Domingo - Solenidade da Santa Mãe de Deus, Maria 07/01 - Sábado - Capacitação

Leia mais

Ano B. Livro de Partituras. Missas da Quaresma Missas de Páscoa Missa de Pentecostes Missa da Santíssima Trindade. Diocese de Oliveira

Ano B. Livro de Partituras. Missas da Quaresma Missas de Páscoa Missa de Pentecostes Missa da Santíssima Trindade. Diocese de Oliveira Ano B Livro de Partituras Missas da Quaresma Missas de Páscoa Missa de Pentecostes Missa da Santíssima Trindade Diocese de Oliveira SUMÁRIO MISSAS DA QUARESMA ENTRADA - Hino Da Campanha Da Fraternidade

Leia mais

DIRETÓRIO DO DIACONADO PERMANENTE NA ARQUIDIOCESE DE FORTALEZA

DIRETÓRIO DO DIACONADO PERMANENTE NA ARQUIDIOCESE DE FORTALEZA DIRETÓRIO DO DIACONADO PERMANENTE NA ARQUIDIOCESE DE FORTALEZA 1 1. NATUREZA DO DIACONADO PERMANENTE 1.1. No contexto da ministerialidade da Igreja, e mais especificamente, no âmbito do ministério ordenado,

Leia mais

Confirmados na Fé, para viver na Caridade

Confirmados na Fé, para viver na Caridade Motivações e Acontecimentos: Repensar juntos a Igreja em Portugal. Plano Pastoral da Diocese: Balanço de 10 anos do pontificado de D. Jacinto à frente da Diocese. Celebração do Crisma e Visita Pastoral

Leia mais

Catálogo. de Publicações. Secretariado Nacional de Liturgia

Catálogo. de Publicações. Secretariado Nacional de Liturgia Catálogo de Publicações Secretariado Nacional de Liturgia Todos os preços indicados incluem IVA à taxa legal em vigor. Fátima, Janeiro de 2013 missais missal romano Formato: 175X255 mm 1.408 páginas Dourado

Leia mais

CATECISMO DA IGREJA CATÓLICA COMPÊNDIO

CATECISMO DA IGREJA CATÓLICA COMPÊNDIO CATECISMO DA IGREJA CATÓLICA COMPÊNDIO CATECISMO DA IGREJA CATÓLICA COMPÊNDIO Copyright 2005 - Libreria Editrice Vaticana «Motu Proprio» Introdução PRIMEIRA PARTE - A PROFISSÃO DA FÉ Primeira Secção: «Eu

Leia mais

DIA HORÁRIO ACONTECIMENTO

DIA HORÁRIO ACONTECIMENTO JUNHO DIA HORÁRIO ACONTECIMENTO 02 15 h Reunião dos padres da Forania Paróquia Nossa Senhora Medianeira e Santa Luzia 04 19 h Celebração solene de Corpus Christi 05 18 h Reunião do Apostolada da Oração

Leia mais

Planificação Anual 10º ano da catequese

Planificação Anual 10º ano da catequese Finalidade: Descobrir-se Cristão : Participar na eucaristia Concretizar projecto comunitário (partilha fraterna) Planificação Anual 10º ano da 1º Creio em Conhecer Confrontar com valores de caridade, amor,

Leia mais

telefone fax

telefone fax CALENDARIZAÇÃO PASTORAL 2013-2014 Pe. Fausto 968 895 944 Pe. José António 963 548 403 secretaria segunda a sexta-feira: 10h30 às 12h e 14h30 às 19h00 sábado: 09h30 às 12h00 sacristia segunda a sábado:

Leia mais

Sacramento significa sagrado. Sacramentos são também os sinais que Jesus nos deixou.

Sacramento significa sagrado. Sacramentos são também os sinais que Jesus nos deixou. Sacramento significa sagrado. Sacramentos são também os sinais que Jesus nos deixou. Em cada sacramento existe: O MINISTRO, que em nome de Jesus cumpre o rito, e que os celebra segundo o ensino da Igreja

Leia mais

Paróquia, torna-te o que tu és.

Paróquia, torna-te o que tu és. Paróquia, torna-te o que tu és. Leitura do Questionário sobre a realidade paroquial na Região Episcopal Sé Entendendo o questionário Contexto Objetivos Dificuldades Estrutura e aspectos Leitura dos resultados

Leia mais

Ano Jubilar e suas graças

Ano Jubilar e suas graças Ano Jubilar e suas graças O Jubileu é uma comemoração religiosa da Igreja Católica, celebrada dentro de um Ano Santo, mas o que difere deste é que a celebração jubilar é feita de 25 em 25 anos. A celebração

Leia mais

CELEBRAÇÃO DA PALAVRA DE DEUS ANDRÉA ALMEIDA DE GÓES ANDRÉ LUIZ DE GÓES NUNES VITOR NUNES ROSA

CELEBRAÇÃO DA PALAVRA DE DEUS ANDRÉA ALMEIDA DE GÓES ANDRÉ LUIZ DE GÓES NUNES VITOR NUNES ROSA CELEBRAÇÃO DA PALAVRA DE DEUS ANDRÉA ALMEIDA DE GÓES ANDRÉ LUIZ DE GÓES NUNES VITOR NUNES ROSA 1 2 ORIENTAÇÕES PARA A CELEBRAÇÃO DA PALAVRA DE DEUS DOCUMENTO DA CNBB - 52 3 SENTIDO LITÚRGICO DA CELEBRAÇÃO

Leia mais

18.02 e 05.10 (Fechamento da Agenda 2011)

18.02 e 05.10 (Fechamento da Agenda 2011) 28.10 147 18.02 e 05.10 (Fechamento da Agenda 2011) 148 17.04, 19.06 149 150 151 152 153 e 11.12 (F). 29.05 (A), 06.11 (B), 13.11 (C), 14.11 (D), 21.11 (E) 17.04 (A), 19.09 (B), 23.10 (C) e 20.11 (D).

Leia mais

Ano Jubilar e suas graças

Ano Jubilar e suas graças Ano Jubilar e suas graças O Jubileu é uma comemoração religiosa da Igreja Católica, celebrada dentro de um Ano Santo, mas o que difere deste é que a celebração jubilar é feita de 25 em 25 anos. A celebração

Leia mais

Catequese Paroquial FÉ CELEBRADA: Eu estou no meio deles (Mt 18,20)

Catequese Paroquial FÉ CELEBRADA: Eu estou no meio deles (Mt 18,20) Paróquia de São Cristóvão de Selho (2013-2014) 1 Catequese Paroquial 2013-2014 FÉ CELEBRADA: Eu estou no meio deles (Mt 18,20) Linhas de Força 2013-2014 O Ano Pastoral da Catequese Paroquial 2013-2014

Leia mais

Dom Vilson Dias de Oliveira, DC Bispo Diocesano de Limeira (SP)

Dom Vilson Dias de Oliveira, DC Bispo Diocesano de Limeira (SP) Apresentação Que a paz do Cristo esteja com você e todos os seus. A mim pelo ofício do dever, apresento este Manual do Ministro Leigo, preparado e organizado pelo Revmo. Pe. Pedro Leandro Ricardo, Reitor

Leia mais

Paróquia, torna-te o que tu és!

Paróquia, torna-te o que tu és! Paróquia, torna-te o que tu és! Dom Milton Kenan Júnior Bispo Aux. de S. Paulo. Vigário Episcopal para Reg. Brasilândia Numa leitura rápida da Carta Pastoral de Dom Odilo, nosso Cardeal Arcebispo, à Arquidiocese

Leia mais

Paróquia missionária comunidades de comunidades. Animada pela Palavra de Deus

Paróquia missionária comunidades de comunidades. Animada pela Palavra de Deus Paróquia missionária comunidades de comunidades Animada pela Palavra de Deus Renovação paroquial Toda paróquia é chamada a ser o espaço onde se recebe e se acolhe a Palavra (172). Sua própria renovação

Leia mais

Oração Inicial: Leitura: Lucas 22, 7-20.

Oração Inicial: Leitura: Lucas 22, 7-20. Oração Inicial: Leitura: Lucas 22, 7-20. Objetivo do encontro: Despertar amor a Eucaristia e a participação da santa missa, onde o sacramento é oferecido. Texto: Ë o sacramento pelo qual participamos,

Leia mais

D I O C E S E D E V A L E N Ç A CALENDÁRIO DIOCESANO DE 2016 ANO DA MISERICÓRDIA ANO C SÃO LUCAS

D I O C E S E D E V A L E N Ç A CALENDÁRIO DIOCESANO DE 2016 ANO DA MISERICÓRDIA ANO C SÃO LUCAS D I O C E S E D E V A L E N Ç A CALENDÁRIO DIOCESANO DE 2016 ANO DA MISERICÓRDIA ANO C SÃO LUCAS Janeiro 06 Dia de Reis apoio aos Grupos de Folia na 24-16h Celebração Ecumênica - lanche oferecido pelos

Leia mais

1 ANO PRIMEIRA COMUNHÃO (Sábado)

1 ANO PRIMEIRA COMUNHÃO (Sábado) 1 ANO PRIMEIRA COMUNHÃO (Sábado) o vosso filho/a irá frequentar o 1 ano de Catequese em preparação à Primeira Comunhão. A Comunidade Portuguesa de Holy Redeemer Church está feliz de acolher o vosso filho/a

Leia mais

Coleção Chamados à Vida Chamados À Vida, Chamados À Vida Em Jesus Cristo,

Coleção Chamados à Vida Chamados À Vida, Chamados À Vida Em Jesus Cristo, Coleção Chamados à Vida Em preparação à Eucaristia 1ª Etapa: Chamados à vida 2ª Etapa: Chamados à vida em Jesus Cristo 3ª Etapa: Chamados à vida em Comunidade. 4ª Etapa: Chamados à vida para amar e servir.

Leia mais

NOTA PASTORAL REESTRUTURAÇÃO DA CÚRIA DIOCESANA. 1. A renovação conciliar na reestruturação da Cúria Diocesana

NOTA PASTORAL REESTRUTURAÇÃO DA CÚRIA DIOCESANA. 1. A renovação conciliar na reestruturação da Cúria Diocesana NOTA PASTORAL REESTRUTURAÇÃO DA CÚRIA DIOCESANA 1. A renovação conciliar na reestruturação da Cúria Diocesana A renovação da Igreja, como comunidade enviada em missão, tão necessária para evangelizar a

Leia mais

Unção dos Enfermos. Um dos sacramentos de que nada se fala, De que pouco se sabe, De que se tem medo, Mas que é muito importante. A muito curto prazo

Unção dos Enfermos. Um dos sacramentos de que nada se fala, De que pouco se sabe, De que se tem medo, Mas que é muito importante. A muito curto prazo Unção dos Enfermos Um dos sacramentos de que nada se fala, De que pouco se sabe, De que se tem medo, Mas que é muito importante A muito curto prazo Para a salvação eterna! A Unção dos Enfermos é um dos

Leia mais

DOM EURICO DOS SANTOS VELOSO

DOM EURICO DOS SANTOS VELOSO DOM EURICO DOS SANTOS VELOSO Por Mercê de Deus e da Santa Sé Apostólica Arcebispo Metropolitano de Juiz de Fora A Todos os que o Nosso Decreto Virem saudação, saúde e paz no Senhor Ressuscitado. Decreto

Leia mais

2 - O pecado venial deixa subsistir caridade, embora a ofenda e fira. ( cf. Catecismo da Igreja Católica, 1855 ). INDULGÊNCIAS

2 - O pecado venial deixa subsistir caridade, embora a ofenda e fira. ( cf. Catecismo da Igreja Católica, 1855 ). INDULGÊNCIAS Todo pecado leva uma culpa e uma pena. A culpa é perdoada na confissão. A pena deve ser expiada nessa vida ou na outra. A Igreja tem o poder de perdoar esta pena através das indulgências. A indulgência

Leia mais

REGULAMENTO INTERPAROQUIAL DA CATEQUESE DE. Criação Velha-Monte-Candelária

REGULAMENTO INTERPAROQUIAL DA CATEQUESE DE. Criação Velha-Monte-Candelária 20. A Catequese é de oferta voluntária e gratuita às crianças, adolescentes, jovens e adultos da comunidade. Mas nada impede uma contribuição económica, ocasional ou habitual, para a vida da paróquia e

Leia mais

Pastoral do Batismo Diocesana Diocese de Petrópolis

Pastoral do Batismo Diocesana Diocese de Petrópolis Bispo Diocesano Dom Gregório Paixão Coordenador Diocesano das Pastorais Pe. Ernande Coord. Diocesano Pastoral Batismo Diác. Marco Carvalho Secretário(a) Diocesano Claudio Representante Pascom Diocesana

Leia mais

TERCEIRA PARTE NORMAS DIOCESANAS. Introdução

TERCEIRA PARTE NORMAS DIOCESANAS. Introdução TERCEIRA PARTE NORMAS DIOCESANAS Introdução Os Sacramentos são sinais sensíveis e eficazes que indicam uma ação de Deus em nós, fortalecendo a nossa vida e alimentando a comunidade cristã, na construção

Leia mais

Bem-vindo ao Projeto de Iniciação Cristã do Colégio Anchieta!

Bem-vindo ao Projeto de Iniciação Cristã do Colégio Anchieta! Bem-vindo ao Projeto de Iniciação Cristã do Colégio Anchieta! Conhecer Jesus é o melhor presente que qualquer pessoa pode receber; tê-lo encontrado foi o melhor que ocorreu em nossas vidas, e fazê-lo conhecido

Leia mais

Plano Arquidiocesano de Pastoral

Plano Arquidiocesano de Pastoral Plano Arquidiocesano de Pastoral 2013-2015 www.arquidiocesedepalmas.org.br Plano Arquidiocesano de Pastoral 2013-2015 é uma publicação da Pastoral da Comunicação. Arte da capa: Thiago Pio Diagramação e

Leia mais

PARTE I O MISTÉRIO, O ESPAÇO E OS MINISTROS I.

PARTE I O MISTÉRIO, O ESPAÇO E OS MINISTROS I. ÍNDICE GERAL Uma palavra do autor... p. 3 Lista de abreviatura... p. 7 PARTE I O MISTÉRIO, O ESPAÇO E OS MINISTROS I. Por amor a Liturgia A importância de se amar a Liturgia... n. 1 Necessidade de deixar

Leia mais

JANEIRO DE 2016 FEVEREIRO DE 2016

JANEIRO DE 2016 FEVEREIRO DE 2016 JANEIRO DE 2016 1/1/2016 -- Santa Maria 1/3/2016 -- Epifania 1/5/2016 21 horas Chegada da Imagem Peregrina de Aparecida Catedral Metropolitana de Vitória Arquidiocese de Vitória 1/8/2016 19h - 23h Luau

Leia mais

Encontros de Noivos e Batismo 2015

Encontros de Noivos e Batismo 2015 Encontros de Noivos e Batismo 2015 As informações sobre a realização dos encontros preparatórios de Noivos e Batismo devem ser confirmadas diretamente nas paróquias da Arquidiocese de Ribeirão Preto. Forania

Leia mais

A DINÂMICA DA EVANGELIZAÇÃO NA ARQUIDIOCESE DE BELO HORIZONTE

A DINÂMICA DA EVANGELIZAÇÃO NA ARQUIDIOCESE DE BELO HORIZONTE A DINÂMICA DA EVANGELIZAÇÃO NA ARQUIDIOCESE DE BELO HORIZONTE INTRODUÇÃOODUÇÃO Só uma Igreja missionária e evangelizadora experimenta a fecundidade e a alegria de quem realmente realiza sua vocação. Assumir

Leia mais

MINISTÉRIOS DO POVO DE DEUS

MINISTÉRIOS DO POVO DE DEUS MINISTÉRIOS DO POVO DE DEUS Novas condições eclesiais A Igreja é como uma família, a filha da mãe Maria. A Igreja, de fato, não é uma instituição fechada em si mesma ou uma associação privada, uma ONG,

Leia mais

calendário pastoral calendário pastoral

calendário pastoral calendário pastoral calendário calendário JANEIRO 01/01/ -- Santa Maria 03/01/ -- Epifania 05/01/ 21 horas Chegada da Imagem Peregrina de Aparecida Catedral Metropolitana de Vitória Arquidiocese de Vitória 08/01/ 19h - 23h

Leia mais

MARÇO Convívio na Capela: 09h45

MARÇO Convívio na Capela: 09h45 MARÇO 2017 Dia 01 (Quarta Feira) - QUARTA FEIRA DE CINZAS (JEJUM) - Eucaristias: 09h00 / 19h30 Dia 02 (Quinta Feira) - Doentes: 11h00 / 15h30 (Paróquia) Dia 03 (Sexta Feira) - S. José (Belas): 10h 12h

Leia mais

mistério da fé [12] Confirmação: o dom do Espírito Santo às

mistério da fé [12] Confirmação: o dom do Espírito Santo às mistério da fé [12] Confirmação: dom do Espírito Santo www.laboratoriodafe.net A Confirmação faz parte do grupo de Sacramentos incluídos no itinerário de Iniciação Cristã (cf. tema 7). A primeira abordagem

Leia mais

LOCAL SANTA MARIA, MÃE DE DEUS DIA MUNDIAL DA PAZ

LOCAL SANTA MARIA, MÃE DE DEUS DIA MUNDIAL DA PAZ ARDIOCESE DE MANAUS SETOR IV PARÓA SANTA ESINHA - ALVORADA II ESCALA MENSAL DE ATIVIDADES PAROAIS - JANEIRO/ 2015 ANO LITÚRGICO - B - SÃO MARCOS TEMPO LITÚRGICO - TEMPO DO NATAL E TEMPO COMUM - ANO DA

Leia mais

EDIÇÃO ESPECIAL Aliança de Casais com Cristo

EDIÇÃO ESPECIAL Aliança de Casais com Cristo Boletim Informativo nº 4 Ano 1 Julho de 2015 EDIÇÃO ESPECIAL Aliança de Casais com Cristo No mês de Julho a Aliança de Casais com Cristo comemorou seus 40 anos de existência em nossa comunidade. A data

Leia mais

envolve o maior número possível de interessados, na reflexão, na decisão, na execução e na avaliação.

envolve o maior número possível de interessados, na reflexão, na decisão, na execução e na avaliação. Realizar a Campanha para a Evangelização 113 A Campanha para a Evangelização é um programa global dos Organismos Nacionais, do Secretariado Nacional da Conferência dos Bispos do Brasil (CNBB) e das Igrejas

Leia mais

Ano Pastoral A MISSÃO COMO PROPÓSITO E A SINODALIDADE COMO MÉTODO

Ano Pastoral A MISSÃO COMO PROPÓSITO E A SINODALIDADE COMO MÉTODO Ano Pastoral 2015-2016 A MISSÃO COMO PROPÓSITO E A SINODALIDADE COMO MÉTODO Revisitando 2014-2015 O dia-a-dia da comunidade Catequese da Infância 23 Crianças receberam a 1ª Comunhão 8 Jovens de Profissão

Leia mais

Diretrizes diaconato permanente

Diretrizes diaconato permanente Diretrizes diaconato permanente Enviado por Dom Zeno DIRETRIZES PARA PROMOVER O DIACONATO PERMANENTE NA DIOCESE DE NOVO HAMBURGO... DIRETRIZES PARA PROMOVER O DIACONATO PERMANENTE NA DIOCESE DE NOVO HAMBURGO

Leia mais

PRPÉTUO SOCORRO LAGO SU JANEIRO 2015

PRPÉTUO SOCORRO LAGO SU JANEIRO 2015 1 2 CALENDÁRIO PASTORAL PAROQUIAL NOSSA SENHORA DO PERPÉTUO SOCORRO LAGO SUL PRPÉTUO SOCORRO LAGO SU JANEIRO 2015 DATA DIA DA SEMANA ATIVIDADE LOCAL HORÁRIO 02 6ª Feira FEIXE Capela 21h30 à 05 2ª Feira

Leia mais

PRIMEIRA URGÊNCIA Uma Igreja em estado permanente de missão

PRIMEIRA URGÊNCIA Uma Igreja em estado permanente de missão PRIMEIRA URGÊNCIA Uma Igreja em estado permanente de missão Na linha da primeira urgência das DGAE, uma Igreja em estado permanente de missão, destacam-se as seguintes ações concretas: - Formação e missão;

Leia mais

CREIO NA SANTA IGREJA CATÓLICA

CREIO NA SANTA IGREJA CATÓLICA CREIO NA SANTA IGREJA CATÓLICA 17-03-2012 Catequese com adultos 11-12 Chave de Bronze A Igreja no desígnio de Deus O que significa a palavra Igreja? Designa o povo que Deus convoca e reúne de todos os

Leia mais

Catecismo da Igreja Católica

Catecismo da Igreja Católica Catecismo da Igreja Católica O SACRAMENTO DA CONFIRMAÇÃO 1285. Com o Baptismo e a Eucaristia, o sacramento da Confirmação constitui o conjunto dos «sacramentos da iniciação cristã», cuja unidade deve ser

Leia mais

Roteiro Celebrativo Mês Diocesano do Dízimo 2017

Roteiro Celebrativo Mês Diocesano do Dízimo 2017 02 de julho de 2017 13º Domingo do Tempo Comum Sejam bem-vindos à celebração eucarística. Convocados pelo Pai, incorporados a Cristo e movidos pelo Espírito Santo, tornamo-nos assembleia celebrativa para

Leia mais

ESPECIALIZAÇÃO CATEQUÉTICA PARNAÍBA

ESPECIALIZAÇÃO CATEQUÉTICA PARNAÍBA ESPECIALIZAÇÃO CATEQUÉTICA PARNAÍBA 23-24/0102017 Pe. João Paulo PARÓQUIA E INICIAÇÃO À VIDA CRISTÃ PARÓQUIA E CATECUMENATO LINHAS DE AÇÃO DA CATEQUESE PAROQUIAL A URGÊNCIA DE UMA RENOVAÇÃO PAROQUIAL A

Leia mais

INTRODUÇÃO A alegria do Evangelho é a nossa missão com Maria renovai-vos nas fontes da alegria.

INTRODUÇÃO A alegria do Evangelho é a nossa missão com Maria renovai-vos nas fontes da alegria. INTRODUÇÃO O Plano Diocesano para este ano 2016-2017 apresenta-nos um belíssimo texto que fala da Visita da Imagem Peregrina à nossa Diocese e do ano centenário das aparições de Fátima. Aí se tiram muitas

Leia mais

Mariano. Arquidiocesano CALENDÁRIO ANO NACIONAL ARQUIDIOCESE DE NITERÓI. 300 anos do Encontro da Imagem de Nossa Senhora Aparecida

Mariano. Arquidiocesano CALENDÁRIO ANO NACIONAL ARQUIDIOCESE DE NITERÓI. 300 anos do Encontro da Imagem de Nossa Senhora Aparecida ARQUIDIOCESE DE NITERÓI Arquidiocesano CALENDÁRIO 2017 Mariano ANO NACIONAL 300 anos do Encontro da Imagem de Nossa Senhora Aparecida 100 anos das Aparições de Nossa Senhora de Fátima Janeiro 01 - DIA

Leia mais

Catequese Paroquial e CNE Escutismo Católico Português

Catequese Paroquial e CNE Escutismo Católico Português 1º Ano Paroquial e CNE Escutismo Católico Português JESUS GOSTA DE MIM Proporcionar às crianças um bom acolhimento eclesial, pelos catequistas e por toda a comunidade cristã (cf CT 16 e 24). Ajudá-las

Leia mais

O Matrimónio, uma vocação A família, lugar vocacional. Maio-2011 Vocação Matrimonial e Familiar 1

O Matrimónio, uma vocação A família, lugar vocacional. Maio-2011 Vocação Matrimonial e Familiar 1 O Matrimónio, uma vocação A família, lugar vocacional Maio-2011 Vocação Matrimonial e Familiar 1 Sumário O que é vocação Matrimónio, sinal e missão Matrimónio, aliança e compromisso Missão em casal Missão

Leia mais

O BATISMO NÃO TEM FINALIDADE EM SI MESMO. (Proposição 38 do Sínodo)

O BATISMO NÃO TEM FINALIDADE EM SI MESMO. (Proposição 38 do Sínodo) I - OS SACRAMENTOS DE INICIAÇÃO CRISTÃ O que se realiza nos sacramentos da iniciação com o ser humano se dá pela graça de Deus Diante destas constatações podemos dizer que a teologia dos sacramentos de

Leia mais

Referindo-se ao Sacramento da Eucaristia, diz o Catecismo da Igreja Católica :

Referindo-se ao Sacramento da Eucaristia, diz o Catecismo da Igreja Católica : Referindo-se ao Sacramento da Eucaristia, diz o Catecismo da Igreja Católica : 1323. - O nosso Salvador Instituiu na Última Ceia, na noite em que foi entregue, o Sacrifício Eucarístico do seu Corpo e Sangue,

Leia mais

Sua Santidade, o Papa Bento XVI CARTA APOSTÓLICA EM FORMA DE MOTU PROPRIO SUMMORUM PONTIFICUM SOBRE A LITURGIA ROMANA ANTERIOR À REFORMA DE 1970

Sua Santidade, o Papa Bento XVI CARTA APOSTÓLICA EM FORMA DE MOTU PROPRIO SUMMORUM PONTIFICUM SOBRE A LITURGIA ROMANA ANTERIOR À REFORMA DE 1970 Sua Santidade, o Papa Bento XVI CARTA APOSTÓLICA EM FORMA DE MOTU PROPRIO SUMMORUM PONTIFICUM SOBRE A LITURGIA ROMANA ANTERIOR À REFORMA DE 1970 Sempre foi preocupação dos Sumos Pontífices até o tempo

Leia mais

O ITINERÁRIO DO CATECUMENATO segundo o Ritual da iniciação cristã dos adultos Pe. Domingos Ormonde, julho de 2007-2009

O ITINERÁRIO DO CATECUMENATO segundo o Ritual da iniciação cristã dos adultos Pe. Domingos Ormonde, julho de 2007-2009 O ITINERÁRIO DO CATECUMENATO segundo o Ritual da iniciação cristã dos adultos Pe. Domingos Ormonde, julho de 2007-2009 (A) Introdução ao estudo do Ritual da iniciação cristã dos adultos (RICA) 1. O enfoque

Leia mais

Apresentação. (Solicitação do saudoso Santo Padre o Beato João Paulo II)

Apresentação. (Solicitação do saudoso Santo Padre o Beato João Paulo II) Apresentação A Renovação Carismática Católica do Estado do Piauí, movimento eclesial da Igreja Católica, tem por objetivo proporcionar às pessoas uma experiência concreta com Jesus Cristo, através do Batismo

Leia mais

Catequese Adolescência Paróquia S. Salvador de Carregosa 8º ano/ º Período Objectivos Data Tema da catequese Objectivos Estratégias

Catequese Adolescência Paróquia S. Salvador de Carregosa 8º ano/ º Período Objectivos Data Tema da catequese Objectivos Estratégias Finalidade: Descobrir-se Cristão Objectivos: Participar na eucaristia Concretizar projecto comunitário (partilha fraterna) Tema do Período Em Diálogo 1 1º Período Objectivos Data Tema da catequese Objectivos

Leia mais

REUNIÃO DE PAIS CATEQUESE Paróquia Nossa Senhora da Boavista

REUNIÃO DE PAIS CATEQUESE Paróquia Nossa Senhora da Boavista REUNIÃO DE PAIS CATEQUESE 2015 2016 Paróquia Nossa Senhora da Boavista ORAÇÃO INICIAL Avé Maria cheia de graça, o Senhor é convosco, bendita sois Vós entre as mulheres e bendito é o fruto do Vosso ventre,

Leia mais