Parte I: Conhecimentos específicos

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Parte I: Conhecimentos específicos"

Transcrição

1 Parte I: Conhecimentos específicos 1) Com relação á arquitetura de computadores é correto afirmar que: a. A arquitetura RISC especifica que o microprocessador possui poucas instruções, mas cada uma delas é otimizada para que sejam executadas muito rapidamente, normalmente, dentro de um único ciclo de relógio; b. O BIOS é o circuito de apoio ao computador que gerencia praticamente todo o funcionamento da placa-mãe (controle de memória cachê, DRAM, controle do buffer de dados, interface com a CPU etc.) Ele é responsável pelas informações necessárias ao reconhecimento de hardware (armazenadas na sua memória ROM); c. O chipset é um pequeno programa armazenado na memória ROM da placa-mãe. É responsável por acordar o computador, contar e verificar a memória RAM iniciar dispositivos, e o principal, dar inicio ao processo de boot; d. Os registradores são memórias ROM utilizadas para o armazenamento de dados. 2) Como pode ser evitada a criação de circuitos potencialmente perigosos entre prédios? a. Um regulador de voltagem, que desativará a rede se a voltagem ficar muito alta, deve ser instalado nos dois prédios; b. Deve-se usar cabo de fibra óptica como o backbone da rede; c. Deve-se usar cabo de par trançado blindado (STP) como o backbone da rede; d. Novos fios terra devem ser instalados de forma que os potenciais de energia entre os prédios sejam os mesmos. 3) a. Qual das alternativas a seguir melhor descreve uma topologia em estrela? Topologia de LAN onde as transmissões das estações da rede se propagam ao longo de um único cabo coaxial e são recebidas por todas as outras estações; b. Topologia de LAN que usa um nó de entroncamento a partir do qual se ramifica para outros nós; c. Topologia de LAN onde os pontos centrais em uma rede são conectados a um switch central comum por links lineares; d. Topologia de LAN onde um nó central é conectado pelo cabeamento a outros nós que irradiam dele.

2 4) Em relação a slots de conexão, é correto afirmar: a. Placas PCI mais velozes devem ser instaladas nos slots PCI mais próximos do processador; b. Quando uma placa mãe não tem slot AGP, a única opção de uso é o vídeo onboard; c. O slot AGP 1x tem taxa de transferência menor que o slot PCI, que por sua vez tem taxa de transferência menor que o AGP 2x; d. Slots PCI Express têm velocidade superior aos slots AGP. 5) O que bridges e switches usam para tomar decisões de encaminhamento de dados? a. Endereços lógicos; b. Endereços físicos; c. Endereços de rede; d. Endereços IP. 6) John e Greg configuraram seus próprios Windows XP de seus PCs e os conectaram com cabos cruzados. Contudo, eles não conseguem compartilhar seus arquivos MP3. Dadas suas configurações, Qual poderia ser o problema? Configuração de John: IP: Máscara: Configuração de Greg: IP: Máscara: a. John esta usando Broadcast para seu IP; b. Greg está usando uma máscara inválida; c. O IP de John está em uma subrede Zero; d. Greg e John estão usando IP s em subredes diferentes. 7) Que tipo de conector é padrão para a tomada de telecomunicações? a. UTP 55; b. RJ-45; c. RJ-11; d. TIA 74.

3 8) O administrador da rede informou que o serviço de SMTP que atende o hospital não está funcionando. Para os usuários que utilizam esse servidor, isso significa que, enquanto o problema persistir: a. O único serviço prejudicado será o de recebimento de ; b. O envio e o recebimento de devem ser feitos pelo servidor POP3 e, conseqüentemente, esses dois procedimentos ficarão um pouco lentos; c. O único serviço prejudicado será o de envio de ; d. Não será possível navegar na internet. 9) Qual é a ordem correta das camadas no modelo OSI? a. Física, sessão, enlace, rede, aplicação, transporte, apresentação; b. Física, enlace, rede, sessão, transporte, apresentação, aplicação; c. Física, enlace, rede, sessão, aplicação, transporte, apresentação; d. Física, enlace, rede, transporte, sessão, apresentação, aplicação. 10) 11) a. Qual dos seguintes endereços IP é o equivalente decimal de ? ; b ; c ; d Qual protocolo irá lhe permitir testar conectividade na camada 7? a. ICMP ; b. ARP ; c. RIP ; d. Telnet. 12) Qual é a coisa mais importante a ser feita antes de se trabalhar em paredes, tetos ou sótãos? a. Rotular o espelho; b. Medir o cabo; c. Instalar o patch panel; d. Desligar a energia da área.

4 13) Que dispositivo faz com que um Access Point permita que clientes wireless se conectem a uma rede cabeada? a. Hub; b. Bridge; c. Roteador; d. Repetidor. 14) Um Acess Point é que tipo de dispositivo? a. Dispositivo de Apoio; b. Dispositivo de rede; c. Dispositivo de Perímetro; d. Dispositivo de Infraestrutura. 15) Acerca dos certificados digitais, assinale a alternativa incorreta. a. Permitem identificar usuários que enviam s; b. São emitidos e renovados por Autoridades de Certificação (AC); c. Contêm as chaves públicas e privadas de seus titulares; d. Podem ser revogados. 16) Em uma rotina de backups, realizada há mais de um ano, que se baseia em backups normais e incrementais, o processo de recuperação de dados perdidos em um sinistro: a. Será realizado usando-se apenas o último backup incremental; b. Necessita do primeiro backup normal realizado desde o ínicio das rotinas; c. Precisa pelo menos do último backup normal; d. Poderá ser realizado com sucesso sem a fita do último backup normal.

5 17) Os tipos de backups determinam quais dados sofrem a cópia de segurança e a forma como ela deve ser feita. Com relação a este assunto é correto afirmar que: a. O backup normal deve ser feito sempre antes de um backup normal; b. O backup normal deve ser feito sempre após um backup diferencial e só deve ser descartado após o próximo backup incremental; c. O uso de um backup normal diário dispensa o uso de um backup incremental semanal; d. O uso de um backup diferencial após um backup normal pode danificar todo o sistema de backup de uma empresa se, após sua realização, não for feito um backup incremental. 18) Que símbolo pega a saída de um comando e o converte na entrada de outro comando (Linux). a. > b. < c. d. & 19) Acerca do programa desfragmentador de disco, presente no sistema Windows, é correto afirmar que : a. Pode ser usado para localizar arquivos e pastas que estão em locais diferentes, espalhados pelo disco rígido; b. Desfragmenta CDs e disquetes também, além do HD; c. Pode ser usado em discos com FAT32 e NTFS; d. Apaga o conteúdo da FAT quando executado. 20) A estrutura inode contém todas das seguintes alternativas, exceto: a. Nome do arquivo; b. Permissão de acesso; c. Proprietário do arquivo; d. Data e hora que o arquivo foi acessado pela última vez.

6 21) No Excel, se o conteúdo =B1+C1 da célula A1 for recortado e colado na célula A5, esta última normalmente deverá ficar com o conteúdo:. a. =B5+C5; b. =B1+B5; c. =C1+C5; d. =B1+C1. 22) A fórmula =$C1+B$2, escrita em D5, quando copiada para G7, será reescrita como: a. =$C2+G$4; b. =$F3+E$4; c. =$C3+E$2; d. =$F1+B$4. 23) Todas as plantas verdes têm clorofila. Algumas plantas que têm clorofila são comestíveis. Logo, a. Algumas plantas verdes são comestíveis; b. Algumas plantas verdes não são comestíveis; c. Todas as plantas que tem clorofila são comestíveis. d. Algumas plantas comestíveis têm clorofila. 24) Todo A é B, e todo C não é B, portanto, a. Algum A é C; b. Nenhum A é C; c. Algum B é C; d. Nenhum B é A. 25) Quais dos seguintes valores de umask resultarão em arquivos.com permissão rw-rw---- a. 007; b. 210; c. 660; d. 027.

7 26) Qual das seguintes opções você escolheria para solucionar um problema durante a inicialização do Windows XP? a. Última configuração válida; b. Último Sistema conhecido; c. Ultima configuração conhecida; d. Última inicialização conhecida. 27) O que o trançado dos fios faz em um cabo CAT-5?. a. Torna-o mais fino; b. Torna-o mais barato; c. Reduz os problemas de ruído; d. Permite que 6 pares caibam no espaço de 4 pares. 28) Os carros de Artur, Bernardo e César são, não respectivamente nesta ordem, uma Brasília, uma Parati e um Santana. Um dos carros é cinza, um outro é verde, e o outro é azul. O carro de Artur é cinza; o carro de César é o Santana; o carro de Bernardo não é verde e não é a Brasília. As cores da Brasília, da Parati e do Santana são respectivamente: a. Cinza, verde e azul; b. Azul, cinza e verde; c. Verde, azul e cinza; d. Cinza, azul e verde. 29) Os switches são dispositivos: a. Capazes de estabelecer a comunicação de computadores distantes entre si e até mesmo com protocolos de comunicação diferentes;. b. Utilizados por uma tecnologia de rede desenvolvida pela IBM chamada Tolken Ring, cujo príncipio de operação é a comunicação em forma de circuito fechado; c. Semelhantes a hubs, mas não repetem o mesmo pacote para todas as portas. Cada pacote é dirigido para o dispositivo de destino, evitando colisões e excesso de tráfego; d. Da estrutura de nível mais alto em uma rede composta por várias sub-redes. O switch é composto por linhas de conexão de alta velocidade, que se conectam as linhas de menor velocidade.

8 30) No sistema operacional Linux, o comando:. a. pwd mostra a senha de sua conta;. b. Mkdir destrói um diretório; c. Shutdown r +5 faz com que o sistema reinicie após 5 minutos; d. who mostra a versão do Linux e a quantidade de memória do computador. 31) Qual das seguintes alternativas se refere a um acesso de senhas não autorizado? a. Autenticação; b. Integridade; c. Controle de Acesso; d. Não Repúdio. 32) Qual das seguintes alternativas seria o alvo preferencial de um hacker em qualquer sistema operacional de rede? a. Uma conta normal de usuário; b. Uma conta padrão de administrador; c. Uma conta temporária de usuário; d. Operadores de impressão. 33) Qual das extensões de arquivo não seria permitida como um anexo de ? a..doc; b..scr; c..txt; d..xls. 34) Senhas complexas são recomendadas para segurança. Qual das seguintes senhas seria mais resistente contra um ataque de força bruta? a. Gigabitx; b. Gigabit; c. 1W3s&7Yz1; d ) Que padrão wireless IEEE opera sobre uma freqüência de rádio de 2.4GHz e transmite a dados a um máximo de 11 Mbps? a b; b c; c e; d g.

9 36) Qual é a mais importante função da BIOS-ACPI?. a. Execução do sistema operacional; b. Detecção do hardware do sistema; c. Gerenciamento da energia do sistema; d. Remover componentes indesejados do sistema. 37) Qual das seguintes não.é uma vantagem da interface USB de impressão? a. Ela tem uma taxa de transferência mais alta que a conexão serial; b. Ela tem uma taxa de transferência mais alta que a conexão paralela; c. Ela automaticamente reconhece novos dispositivos; d. Ela permite a impressora comunicar-se com redes, servidores e estações de trabalho. 38) Sua impressora laser começou a imprimir linhas verticais negras nos documentos que ela imprime. Qual seria a causa mais provável? a. O driver de impressão está falhando; b. O fusor não está aquecendo propriamente; c. Existe toner na transferência do fio de corona; d. Existe um risco no tambor eletrofotográfico. 39) Qual o componente da impressora laser é responsável por tornar permanente a imagem sobre o papel? a. Fusor; b. Rolo de Saida; c. Fio Corona de Transferência; d. Prensador. 40) Qual dos seguintes tipos de partição é aquele de onde o Sistema Operacional deverá iniciar?. a. Primária; b. Logica; c. Extendida; d. Ativa. 41) Qual dos seguintes utilitários cria backups da configuração do sistema chamados pontos de restauro? a. Registro de Backup; b. Backup; c. Restauração do Sistema; d. Gerenciamento do Sistema.

10 42) Você está em uma janela de comando. Qual utilitário você deve usar para verificar se tem conexão com outro computador? a. IPCONFIG; b. CONNECT; c. PING; d. IP. 43) Você está em uma janela de comando.você quer tornar o arquivo chamado WORK.DOC apenas de leitura Que comando você deve usar para efetuar isso?. a. ATTRIB +R WORK.DOC; b. ATTRIB +RO WORK.DOC; c. ATTRIB WORK.DOC; d. READONLY WORK.DOC. 44) Qual a técnica utilizada em páginas web para impedir que softwares automatizados executem ações que degradam a qualidade do serviço? a. Detector de macros; b. Detector de vírus; c. Wireframe; d. CAPTCHA. 45) Entre as opções, qual endereço IP somente pode ser utilizado em intranets e redes privadas? a ; b ; c ; d

11 Paragraph Parte II: Inglês ( 5 questões ) Utilize o texto abaixo para responder as questões de 46 a 50. Mathematical Bases 1 1 The system of numeration that is now most widely used is a base-10 system with the following characteristics: each number from 1 to 10 as well as the powers of 10 (such as one hundred or one thousand) has a distinctive name, and the names of the other number tend to be combinations of the names of the numbers from 1 to 10 and the power of 10. In most Indo-European, Semitic, and Mongolian languages, the numerical systems have a decimal base and conform at least approximately to this theoretical model. The almost universal adoption of the base-10 numerical system was undoubtedly influenced by the fact that humans have ten fingers, since people most likely first learned to count on their fingers. Though the base-10 numerical systems are convenient for reasons of anatomy, they are not as mathematically practical as would be system based on perhaps 11 or 12. Some mathematicians have suggested that a base-11 system would be preferable to a base-10 system because 11 is a prime number (and is thus divisible only by 1 and 11), while 10 is not a prime number (because it is divisible by 1, 2, 5, and 10); others have suggested that a base-12 system would be preferable to a base-10 system because 12 is divisible by more whole numbers (1, 2, 3, 4, 6, 12) than is Base-10 numerical systems were not the only systems based on anatomical parts: there were also systems based on 5 and 20. While it is difficult to find a number system that is a purely base-5, or quinary, system, it is possible to find number systems that have traces of grouping by fives, and these systems are most likely what remains of older systems that developed from counting the fingers of one hand. In a quinary, there would be distinct units for number 1 through 5, but the words for numbers 6 through 9 are compounds of five-and-one, five-and-two, five-and-three, and so on. Remnants of quinary systems can be found today only in historical records of ancient languages, such as the language of the early Sumerians. 3 Examples of base-20, or vigesimal, systems, which most likely developed from counting by making use of all the digits, are common than are those of base-5 systems. A number of early cultures, including the Mayans, the Aztecs, and the Celts, developed numerical systems that involved counting by 20s. The Mayan calendar had 20 months of 20 days each, and the Mayans counted years in terms of 20-years periods rather than decades; study of the Aztec numbers for 1 through 20 show that the names of the first five numbers are related to the hand, the names of the number 11 through 16 are related to the toes on the other foot. In Celtic languages, counting is also done by 20s, and a number of other European languages maintain remnants of this characteristic. In French and Latin, the words for 20 are clearly remnants of a vigesimal system in that they are distinct words not derived from words for two-tens, which would occur in a purely base-10 system, and the way of expression the number 80 is by counting by 20s and saying four-twenties. In English, the way of counting by 20s was to use the word score; this method of counting was commonly used by Shakespeare and was still in use at the time of Abraham Lincoln, who opened his famous address at Gettysburg by saying: Four score and seven years ago 4 Some cultures had systems based upon 60, a system with a major drawback in that it requires 60 distinct words for numbers 1 through 60. In Sumerian, Babylonian, Greek, and Arab cultures, for example, the sexagesimal system were obviously not developed based on body parts, and numerous theories have been raised to explain how such systems came about, but it is not know conclusively which of these theories is correct. One hypothesis is that 60 was chosen as the base because it is the lowest number with a great many divisors (1, 2, 3, 4, 5, 6, 10, 12, 15, 20, 30, 60). Another theory provides a 1 Longman Preparation Course Deborah Phillips, pág. 418.

12 more natural explanation for the use of 60 as base: the approximate number of days in a year is 360, which supposedly led to the use of 360 degrees in a circle and was reduced to the more manageable 60, which is one-sixth of 360. A third theory suggests that the use of 60 as base must have come about as a result of interchange between two different civilizations, one using a decimal (base 10) system and the other using a base-6 system. A weakness of this theory is that there is no historical foundation to support the existence of base-6 system. 46) The author begins paragraph 2 by mentioning Base-10 numerical systems in order to a. Introduce a new topic in paragraph 2; b. Indicate that base-10 systems are based on anatomy, while other systems are not; c. Emphasize that base-10 systems were less common than other systems; d. Relate the topic of paragraph 1 to the topic of paragraph 2. 47) The word traces in paragraph 2 could best replaced by a. Remnants; b. Tracks; c. Results; d. Processes. 48) The word digits in paragraph 3 could best be replaced by a. Hands; b. Numbers; c. Fingers and toes d. Measurements. 49) The passage in paragraph 3 indicates that all of the following languages show characteristics of a vigesimal system EXCEPT a. Latin; b. Celtic; c. English; d. Greek. 50) The word Interchange in paragraph 4 is closest in meaning to a. Barter; b. Absorption; c. Finance; d. Contact.

13

REDE DE COMPUTADORES. Desenvolvimento Duração: 35 aulas (2 horas cada aula) Redes de computadores. 1 Apresentação

REDE DE COMPUTADORES. Desenvolvimento Duração: 35 aulas (2 horas cada aula) Redes de computadores. 1 Apresentação REDE DE COMPUTADORES Desenvolvimento Duração: 35 aulas (2 horas cada aula) 1 Apresentação Conhecendo os alunos Conceitos básicos de redes O que é uma rede local Porque usar uma rede local 2 Como surgiram

Leia mais

Centro Federal de Educação Tecnológica CEFET/BA

Centro Federal de Educação Tecnológica CEFET/BA Centro Federal de Educação Tecnológica CEFET/BA Disciplina: Redes de Computadores Prof.: Rafael Freitas Reale Aluno: Data / / Prova Final de Redes Teoria Base 1) Qual o tipo de ligação e a topologia respectivamente

Leia mais

prof.edney@superig.com.br Redes de Computadores

prof.edney@superig.com.br Redes de Computadores prof.edney@superig.com.br Redes de Computadores Apresentação do professor, da disciplina, dos métodos de avaliação, das datas de trabalhos e provas; introdução a redes de computadores; protocolo TCP /

Leia mais

Equipamentos de Rede. Prof. Sérgio Furgeri 1

Equipamentos de Rede. Prof. Sérgio Furgeri 1 Equipamentos de Rede Repetidor (Regenerador do sinal transmitido)* Mais usados nas topologias estrela e barramento Permite aumentar a extensão do cabo Atua na camada física da rede (modelo OSI) Não desempenha

Leia mais

COMENTÁRIO Questão de Hardware/Processador. De acordo com a definição do Livro de Desempenho do professor Morgan Kaufmann, é dito:

COMENTÁRIO Questão de Hardware/Processador. De acordo com a definição do Livro de Desempenho do professor Morgan Kaufmann, é dito: CONTROLADOR DE TRÁFEGO AÉREO - CESGRANRIO Comentário da prova realizada dia 21/01/2007. 41. Uma CPU X rodou um programa Perfume em 30 segundos, enquanto que uma CPU Y rodou o mesmo programa Perfume em

Leia mais

REDES ESAF. leitejuniorbr@yahoo.com.br 1 Redes - ESAF

REDES ESAF. leitejuniorbr@yahoo.com.br 1 Redes - ESAF REDES ESAF 01 - (ESAF - Auditor-Fiscal da Previdência Social - AFPS - 2002) Um protocolo é um conjunto de regras e convenções precisamente definidas que possibilitam a comunicação através de uma rede.

Leia mais

Capítulo 1: Introdução às redes de computadores

Capítulo 1: Introdução às redes de computadores ÍNDICE Capítulo 1: Introdução às redes de computadores Redes domésticas... 3 Redes corporativas... 5 Servidor... 5 Cliente... 7 Estação de trabalho... 8 As pequenas redes... 10 Redes ponto-a-ponto x redes

Leia mais

PROCESSO SELETIVO PARA CONTRATAÇÃO DE TÉCNICO DE INFORMÁTICA POR PRAZO DETERMINADO

PROCESSO SELETIVO PARA CONTRATAÇÃO DE TÉCNICO DE INFORMÁTICA POR PRAZO DETERMINADO UNIVERSIDADE ESTADUAL DA PARAÍBA CENTRAL DE INFORMÁTICA PROCESSO SELETIVO PARA CONTRATAÇÃO DE TÉCNICO DE INFORMÁTICA POR PRAZO DETERMINADO INFORMAÇÕES A) A prova consta de 20 questões de múltipla escolha,

Leia mais

REDES DE COMPUTADORES

REDES DE COMPUTADORES REDES DE COMPUTADORES Rede é um conjunto de módulos processadores capazes de trocar informações e compartilhar recursos. O tipo de rede é definido pela sua área de abrangência, podemos classificar as redes

Leia mais

02/03/2014. Conteúdo deste módulo. Curso de Preparatório para Concursos Públicos. Tecnologia da Informação REDES. Conceitos Iniciais

02/03/2014. Conteúdo deste módulo. Curso de Preparatório para Concursos Públicos. Tecnologia da Informação REDES. Conceitos Iniciais Curso de Preparatório para Concursos Públicos Tecnologia da Informação REDES Conceitos Iniciais; Classificações das Redes; Conteúdo deste módulo Equipamentos usados nas Redes; Modelos de Camadas; Protocolos

Leia mais

REDES DE COMPUTADORES Prof. Ricardo Rodrigues Barcelar http://www.ricardobarcelar.com.br

REDES DE COMPUTADORES Prof. Ricardo Rodrigues Barcelar http://www.ricardobarcelar.com.br - Aula Complementar - EQUIPAMENTOS DE REDE 1. Repetidor (Regenerador do sinal transmitido) É mais usado nas topologias estrela e barramento. Permite aumentar a extensão do cabo e atua na camada física

Leia mais

Universidade Tuiuti do Paraná UTP Faculdade de Ciências Exatas - FACET

Universidade Tuiuti do Paraná UTP Faculdade de Ciências Exatas - FACET Universidade Tuiuti do Paraná UTP Faculdade de Ciências Exatas - FACET Hardware de Computadores Questionário II 1. A principal diferença entre dois processadores, um deles equipado com memória cache o

Leia mais

UTP ( PAR TRANÇADO SEM PROTEÇÃO)

UTP ( PAR TRANÇADO SEM PROTEÇÃO) Par Trançado UTP ( PAR TRANÇADO SEM PROTEÇÃO) O cabo UTP é composto por pares de fios, sendo que cada par é isolado um do outro e todos são trançados juntos dentro de uma cobertura externa, que não possui

Leia mais

Curso básico em técnicas de manutenção para activistas comunitários

Curso básico em técnicas de manutenção para activistas comunitários Curso básico em técnicas de manutenção para activistas comunitários Modulo I INTRODUÇÃO AO EQUIPAMENTO INFORMÁTICO Respostas as perguntas do modulo I Aula 1 1. Qual dos seguintes itens faz parte do kit

Leia mais

Introdução à redes de computadores

Introdução à redes de computadores 1/8 Introdução à redes de computadores Faz todo o sentido ligar os computadores em rede. Você não precisa ter uma impressora, um HD de grande capacidade, um gravador de DVDs e conexão via ADSL para cada

Leia mais

CCNA 1 Conceitos Básicos de Redes. Capítulo1 - Introdução à Redes. Associação dos Instrutores NetAcademy - Agosto de 2007 - Página

CCNA 1 Conceitos Básicos de Redes. Capítulo1 - Introdução à Redes. Associação dos Instrutores NetAcademy - Agosto de 2007 - Página CCNA 1 Conceitos Básicos de Redes Capítulo1 - Introdução à Redes 1 Requisitos para Conexão à Internet Para disponibilizar o acesso de um computador à rede, devem ser levados em consideração 03 parâmetros:

Leia mais

Roteador Wireless 150Mbps 4 Portas

Roteador Wireless 150Mbps 4 Portas Roteador Wireless 150Mbps 4 Portas Manual do Usuário Você acaba de adquirir um produto Leadership, testado e aprovado por diversos consumidores em todo Brasil. Neste manual estão contidas todas as informações

Leia mais

Placa de Rede. Tipos de Redes LAN (Local Area Network) Rede local. MAN (Metropolitan Area Network) Rede Metropolitana

Placa de Rede. Tipos de Redes LAN (Local Area Network) Rede local. MAN (Metropolitan Area Network) Rede Metropolitana Rede de Computadores Parte 01 Prof. André Cardia Email: andre@andrecardia.pro.br MSN: andre.cardia@gmail.com Placa de Rede Uma placa de rede (NIC), ou adaptador de rede, oferece capacidades de comunicações

Leia mais

Universidade de Brasília

Universidade de Brasília Universidade de Brasília Introdução a Microinformática Turma H Redes e Internet Giordane Lima Porque ligar computadores em Rede? Compartilhamento de arquivos; Compartilhamento de periféricos; Mensagens

Leia mais

Como montar uma rede Wireless

Como montar uma rede Wireless Como montar uma rede Wireless Autor: Cristiane S. Carlos 1 2 Como Montar uma Rede Sem Fio sem Usar um Roteador de Banda Larga Introdução Muita gente não sabe que com o Windows XP ou o Windows Vista é possível

Leia mais

Prof. Edson Maia Graduado em Web Design e Programação Bacharel e Licenciado em Geografia Especialista em Gestão Ambiental Complementação para

Prof. Edson Maia Graduado em Web Design e Programação Bacharel e Licenciado em Geografia Especialista em Gestão Ambiental Complementação para Prof. Edson Maia Graduado em Web Design e Programação Bacharel e Licenciado em Geografia Especialista em Gestão Ambiental Complementação para Magistério Superior Especialista em Docência para Educação

Leia mais

APOSTILA DE REDES DE COMPUTADORES PARTE - III

APOSTILA DE REDES DE COMPUTADORES PARTE - III APOSTILA DE REDES DE COMPUTADORES PARTE - III 1 REDE DE COMPUTADORES III 1. Introdução MODELO OSI ISO (International Organization for Standardization) foi uma das primeiras organizações a definir formalmente

Leia mais

Informática Aplicada I. Sistemas Operacionais Projeto e Implementação Andrew S. Tanenbaum Albert S. woodhull

Informática Aplicada I. Sistemas Operacionais Projeto e Implementação Andrew S. Tanenbaum Albert S. woodhull Informática Aplicada I Sistemas Operacionais Projeto e Implementação Andrew S. Tanenbaum Albert S. woodhull 1 Conceito de Sistema Operacional Interface: Programas Sistema Operacional Hardware; Definida

Leia mais

Conexões e Protocolo Internet (TCP/IP)

Conexões e Protocolo Internet (TCP/IP) "Visão geral da configuração da rede" na página 3-2 "Escolhendo um método de conexão" na página 3-3 "Conectando via Ethernet (recomendado)" na página 3-3 "Conectando via USB" na página 3-4 "Configurando

Leia mais

REDES DE COMPUTADORES LAN e WAN: Topologias e Equipamentos

REDES DE COMPUTADORES LAN e WAN: Topologias e Equipamentos Administração de Empresas 2º Período Informática Aplicada REDES DE COMPUTADORES LAN e WAN: Topologias e Equipamentos Prof. Sérgio Rodrigues 1 INTRODUÇÃO Introdução Este trabalho tem como objetivos: definir

Leia mais

AFRE. a. ( ) Instalando um programa gerenciador de carregamento, como o LILO ou o GRUB. a. ( ) Data Werehouse ; Internet ; Linux

AFRE. a. ( ) Instalando um programa gerenciador de carregamento, como o LILO ou o GRUB. a. ( ) Data Werehouse ; Internet ; Linux 1. De que forma é possível alterar a ordem dos dispositivos nos quais o computador procura, ao ser ligado, pelo sistema operacional para ser carregado? a. ( ) Instalando um programa gerenciador de carregamento,

Leia mais

Para montar sua própria rede sem fio você precisará dos seguintes itens:

Para montar sua própria rede sem fio você precisará dos seguintes itens: Introdução: Muita gente não sabe que com o Windows XP ou o Windows Vista é possível montar uma rede sem fio em casa ou no escritório sem usar um roteador de banda larga ou um ponto de acesso (access point),

Leia mais

A utilização das redes na disseminação das informações

A utilização das redes na disseminação das informações A utilização das redes na disseminação das informações Elementos de Rede de computadores: Denomina-se elementos de rede, um conjunto de hardware capaz de viabilizar e proporcionar a transferência da informação

Leia mais

Conheça melhor os equipamentos de Rede de Computadores

Conheça melhor os equipamentos de Rede de Computadores Conheça melhor os equipamentos de Rede de Computadores Organização Diego M. Rodrigues (diego@drsolutions.com.br) 1. Introdução Com o intuito de auxiliar clientes da drsolutions na compra de equipamentos

Leia mais

Equipamentos de Rede

Equipamentos de Rede Equipamentos de Rede Professor Carlos Gouvêa SENAIPR - Pinhais 2 Introdução Objetivos Finalidade dos equipamentos Equipamentos e descrição Nomenclatura de desenho técnico para redes Exercício de orientação

Leia mais

DISPOSITIVOS DE REDES SEM FIO

DISPOSITIVOS DE REDES SEM FIO AULA PRÁTICA DISPOSITIVOS DE REDES SEM FIO Objetivo: Apresentar o modo de operação Ad Hoc de uma rede padrão IEEE 802.11g/b e implementá-la em laboratório. Verificar os fundamentos de associação/registro

Leia mais

Comunicação Comunicação é o ato de transmissão de informações de uma pessoa à outra. Emissor: Receptor: Meio de transmissão Sinal:

Comunicação Comunicação é o ato de transmissão de informações de uma pessoa à outra. Emissor: Receptor: Meio de transmissão Sinal: Redes - Comunicação Comunicação é o ato de transmissão de informações de uma pessoa à outra. Comunicação sempre foi, desde o início dos tempos, uma necessidade humana buscando aproximar comunidades distantes.

Leia mais

Prof.: MARCIO HOLLWEG mhollweg@terra.com.br

Prof.: MARCIO HOLLWEG mhollweg@terra.com.br INFORMÁTICA Prof.: MARCIO HOLLWEG mhollweg@terra.com.br REDES TIPOS DE REDE LAN (local area network) é uma rede que une os micros de um escritório, prédio, ou mesmo um conjunto de prédios próximos, usando

Leia mais

Placa de Rede. Rede de Computadores. Tipos de Redes LAN (Local Area Network) Rede local. Placa de Rede

Placa de Rede. Rede de Computadores. Tipos de Redes LAN (Local Area Network) Rede local. Placa de Rede Rede de Computadores Prof. André Cardia Email: andre@andrecardia.pro.br MSN: andre.cardia@gmail.com Placa de Rede Uma placa de rede (NIC), ou adaptador de rede, oferece capacidades de comunicações nos

Leia mais

Faça mais. Saiba mais sobre o EX6200

Faça mais. Saiba mais sobre o EX6200 Faça mais Saiba mais sobre o EX6200 Conteúdo Conheça o WiFi da próxima geração................................. 3 Otimize seu WiFi.................................................. 4 Compartilhe arquivos

Leia mais

Guia DIE-100 para Cable Modem e sistema operacional Windows 2000

Guia DIE-100 para Cable Modem e sistema operacional Windows 2000 Guia DIE-100 para Cable Modem e sistema operacional Windows 2000 O Express First Net Internet Kit da D-Link permitirá que você conecte seu escritório com o mundo, compartilhe o acesso à Internet com grande

Leia mais

Informática. Informática. Valdir. Prof. Valdir

Informática. Informática. Valdir. Prof. Valdir Prof. Valdir Informática Informática Valdir Prof. Valdir Informática Informática PROVA DPF 2009 Julgue os itens subseqüentes, a respeito de Internet e intranet. Questão 36 36 - As intranets, por serem

Leia mais

REDES DE COMPUTADORES

REDES DE COMPUTADORES Conteúdo 1 Topologia de Redes 5 Escalas 5 Topologia em LAN s e MAN s 6 Topologia em WAN s 6 2 Meio Físico 7 Cabo Coaxial 7 Par Trançado 7 Fibra Óptica 7 Conectores 8 Conector RJ45 ( Par trançado ) 9 Conectores

Leia mais

AGENTE PROFISSIONAL - ANALISTA DE REDES

AGENTE PROFISSIONAL - ANALISTA DE REDES Página 1 CONHECIMENTO ESPECÍFICO 01. Suponha um usuário acessando a Internet por meio de um enlace de 256K bps. O tempo mínimo necessário para transferir um arquivo de 1M byte é da ordem de A) 4 segundos.

Leia mais

Guia DIE-100 para ADSL e sistema operacional Windows 98

Guia DIE-100 para ADSL e sistema operacional Windows 98 Guia DIE-100 para ADSL e sistema operacional Windows 98 O Express First Net Internet Kit da D-Link permitirá que você conecte seu escritório com o mundo, compartilhe o acesso à Internet com grande velocidade

Leia mais

Redes de Computadores Aula 01

Redes de Computadores Aula 01 No Caderno Responda as Questões abaixo 1 O que significa o termo Rede? 2 Porque utilizar um Ambiente de Rede? 3 Defina LAN. 4 Defina WAN. 5 O que eu preciso para Montar uma Rede? 6 - O que eu posso compartilhar

Leia mais

REDES DE COMPUTADORES

REDES DE COMPUTADORES REDES DE COMPUTADORES Prof. Esp. Fabiano Taguchi http://fabianotaguchi.wordpress.com fabianotaguchi@gmail.com RESUMO 1 COMUTAÇÃO DE CIRCUITOS Reservados fim-a-fim; Recursos são dedicados; Estabelecimento

Leia mais

Guia de Conectividade Worldspan Go Res! A V A N Ç A D O

Guia de Conectividade Worldspan Go Res! A V A N Ç A D O Guia de Conectividade Worldspan Go Res! A V A N Ç A D O Í n d i c e Considerações Iniciais...2 Rede TCP/IP...3 Produtos para conectividade...5 Diagnosticando problemas na Rede...8 Firewall...10 Proxy...12

Leia mais

Curso de Instalação e Gestão de Redes Informáticas

Curso de Instalação e Gestão de Redes Informáticas ESCOLA PROFISSIONAL VASCONCELLOS LEBRE Curso de Instalação e Gestão de Redes Informáticas EQUIPAMENTOS PASSIVOS DE REDES Ficha de Trabalho nº2 José Vitor Nogueira Santos FT13-0832 Mealhada, 2009 1.Diga

Leia mais

REDES DE COMPUTADORES

REDES DE COMPUTADORES REDES DE COMPUTADORES Rede é um conjunto de módulos processadores capazes de trocar informações e compartilhar recursos. O tipo de rede é definido pela sua área de abrangência, podemos classificar as redes

Leia mais

PROVA ESPECÍFICA Cargo 05

PROVA ESPECÍFICA Cargo 05 10 PROVA ESPECÍFICA Cargo 05 QUESTÃO 21 Durante a leitura de um dado de arquivo, são necessários o endereço da trilha e do setor onde o dado se encontra no disco, além da posição da memória onde o dado

Leia mais

Exercícios de Redes de Computadores Assuntos abordados: Conceitos gerais Topologias Modelo de referência OSI Modelo TCP/IP Cabeamento 1.

Exercícios de Redes de Computadores Assuntos abordados: Conceitos gerais Topologias Modelo de referência OSI Modelo TCP/IP Cabeamento 1. Exercícios de Redes de Computadores Assuntos abordados: Conceitos gerais Topologias Modelo de referência OSI Modelo TCP/IP Cabeamento 1. (CODATA 2013) Em relação à classificação da forma de utilização

Leia mais

Configurações do adaptador W-U3300nL

Configurações do adaptador W-U3300nL Configurações do adaptador W-U3300nL Introdução Obrigado por adquirir o adaptador para rede sem fio C3 Tech. Apresentando o que há de melhor em Tecnologia Wireless, o Adaptador para Rede Sem Fio C3 Tech

Leia mais

Guia DIE-100 para Cable Modem e sistema operacional Windows XP

Guia DIE-100 para Cable Modem e sistema operacional Windows XP Guia DIE-100 para Cable Modem e sistema operacional Windows XP O Express First Net Internet Kit da D-Link permitirá que você conecte seu escritório com o mundo, compartilhe o acesso à Internet com grande

Leia mais

É um conjunto de módulos processadores capazes de trocar informações e compartilhar recursos.

É um conjunto de módulos processadores capazes de trocar informações e compartilhar recursos. REDES DE COMPUTADORES CABO COAXIAL É um conjunto de módulos processadores capazes de trocar informações e compartilhar recursos. Topologias de rede A topologia de uma rede é um diagrama que descreve como

Leia mais

A Rede Token Ring. O Funcionamento do MAC Token Ring. Passagem de token

A Rede Token Ring. O Funcionamento do MAC Token Ring. Passagem de token A Rede Token Ring Visão geral de Token Ring e de suas variantes A IBM desenvolveu a primeira rede Token Ring nos anos 70. Ela ainda é a principal tecnologia LAN da IBM e apenas perde para a Ethernet (IEEE

Leia mais

Hardware e Software Conceitos Básicos. ATES Associação do Trabalho e Economia Solidária

Hardware e Software Conceitos Básicos. ATES Associação do Trabalho e Economia Solidária Hardware e Software Conceitos Básicos ATES Associação do Trabalho e Economia Solidária Conceitos Básicos Hardware É a parte física do computador, ou seja, é o conjunto de componentes eletrônicos, circuitos

Leia mais

Curso básico em técnicas de Manutenção para activistas comunitários

Curso básico em técnicas de Manutenção para activistas comunitários Curso básico em técnicas de Manutenção para activistas comunitários Perguntas relacionadas com a Aula 2 do Módulo I Aula 2 1. Qual das alíneas encontram-se mencionados todos os tipos de computador por

Leia mais

8.2.11 Quebras de página 8.3 Exercícios para fixação

8.2.11 Quebras de página 8.3 Exercícios para fixação SUMÁRIO 1. INTRODUÇÃO À INFORMÁTICA 1.1 Conceitos básicos de informática e alguns termos usuais 1.2 Geração dos computadores 1.3 Evolução da tecnologia dos computadores 1.4 Sistema de informática 1.5 Tipos

Leia mais

REDES DE COMPUTADORES

REDES DE COMPUTADORES REDES DE COMPUTADORES Rede é um conjunto de módulos processadores capazes de trocar informações e compartilhar recursos. O tipo de rede é definido pela sua área de abrangência, podemos classificar as redes

Leia mais

AULA 01 INTRODUÇÃO. Eduardo Camargo de Siqueira REDES DE COMPUTADORES Engenharia de Computação

AULA 01 INTRODUÇÃO. Eduardo Camargo de Siqueira REDES DE COMPUTADORES Engenharia de Computação AULA 01 INTRODUÇÃO Eduardo Camargo de Siqueira REDES DE COMPUTADORES Engenharia de Computação CONCEITO Dois ou mais computadores conectados entre si permitindo troca de informações, compartilhamento de

Leia mais

CPE Soft Manual. 125/400mW 2.4GHz. CPE Soft

CPE Soft Manual. 125/400mW 2.4GHz. CPE Soft CPE Soft Manual 125/400mW 2.4GHz CPE Soft Campinas - SP 2010 Indice 1.1 Acessando as configurações. 2 1.2 Opções de configuração... 3 1.3 Wireless... 4 1.4 TCP/IP 5 1.5 Firewall 6 7 1.6 Sistema 8 1.7 Assistente...

Leia mais

Claudivan C. Lopes claudivan@ifpb.edu.br

Claudivan C. Lopes claudivan@ifpb.edu.br Claudivan C. Lopes claudivan@ifpb.edu.br Por que redes de computadores? Tipos de redes Componentes de uma rede IFPB/Patos - Prof. Claudivan 2 Quando o assunto é informática, é impossível não pensar em

Leia mais

Projeto e Instalação de Servidores Fundamentos de Redes de Computadores - Parte 1

Projeto e Instalação de Servidores Fundamentos de Redes de Computadores - Parte 1 Projeto e Instalação de Servidores Fundamentos de Redes de Computadores - Parte 1 Prof.: Roberto Franciscatto Introdução O que é uma Rede de Computadores? Conjunto de módulos de processamento interconectados

Leia mais

REGRAS PARA SEGMENTAÇÃO

REGRAS PARA SEGMENTAÇÃO REGRAS PARA SEGMENTAÇÃO Professor Victor Sotero 1 Domínio de Colisão A conexão de vários computadores a um único meio de acesso compartilhado que não possui nenhum outro dispositivo de rede conectado cria

Leia mais

TI Aplicada. Aula 03 Componentes Básicos Hardware e Rede. Prof. MSc. Edilberto Silva prof.edilberto.silva@gmail.com http://www.edilms.eti.

TI Aplicada. Aula 03 Componentes Básicos Hardware e Rede. Prof. MSc. Edilberto Silva prof.edilberto.silva@gmail.com http://www.edilms.eti. TI Aplicada Aula 03 Componentes Básicos Hardware e Rede Prof. MSc. Edilberto Silva prof.edilberto.silva@gmail.com http://www.edilms.eti.br Principais Componentes Barramentos Placa Mãe Processadores Armazenamento

Leia mais

INSTRUÇÕES NÃO SERÃO ACEITAS RECLAMAÇÕES FORMULADAS APÓS O INÍCIO DA PROVA. NÃO ESQUEÇA de assinar a LISTA DE PRESENÇA.

INSTRUÇÕES NÃO SERÃO ACEITAS RECLAMAÇÕES FORMULADAS APÓS O INÍCIO DA PROVA. NÃO ESQUEÇA de assinar a LISTA DE PRESENÇA. INSTRUÇÕES Verifique, com muita atenção, este Caderno de QUESTÕES que deve conter 14 (quatorze) questões, sendo 03 (três) de Língua Portuguesa e 10 (dez) de Conhecimentos Específicos e 1 (uma) questão

Leia mais

REDES COMPONENTES DE UMA REDE

REDES COMPONENTES DE UMA REDE REDES TIPOS DE REDE LAN (local area network) é uma rede que une os micros de um escritório, prédio, ou mesmo um conjunto de prédios próximos, usando cabos ou ondas de rádio. WAN (wide area network) interliga

Leia mais

Informática para Banca IADES. Hardware e Software

Informática para Banca IADES. Hardware e Software Informática para Banca IADES Conceitos Básicos e Modos de Utilização de Tecnologias, Ferramentas, Aplicativos e Procedimentos Associados ao Uso de Informática no Ambiente de Escritório. 1 Computador É

Leia mais

Fundamentos em Informática

Fundamentos em Informática Fundamentos em Informática Aula 06 Redes de Computadores francielsamorim@yahoo.com.br 1- Introdução As redes de computadores atualmente constituem uma infraestrutura de comunicação indispensável. Estão

Leia mais

TI Aplicada. Aula 05 Redes de Computadores (parte 2) Prof. MSc. Edilberto Silva edilms@yahoo.com http://www.edilms.eti.br

TI Aplicada. Aula 05 Redes de Computadores (parte 2) Prof. MSc. Edilberto Silva edilms@yahoo.com http://www.edilms.eti.br TI Aplicada Aula 05 Redes de Computadores (parte 2) Prof. MSc. Edilberto Silva edilms@yahoo.com http://www.edilms.eti.br Conceitos Básicos Equipamentos, Modelos OSI e TCP/IP O que são redes? Conjunto de

Leia mais

Componentes de um Sistema de Computador

Componentes de um Sistema de Computador Componentes de um Sistema de Computador HARDWARE: unidade responsável pelo processamento dos dados, ou seja, o equipamento (parte física) SOFTWARE: Instruções que dizem o que o computador deve fazer (parte

Leia mais

Experiência 05: CONFIGURAÇÃO BÁSICA DE UMA REDE. Objetivo Geral Criar uma rede ponto-a-ponto com crossover e utiizando switch.

Experiência 05: CONFIGURAÇÃO BÁSICA DE UMA REDE. Objetivo Geral Criar uma rede ponto-a-ponto com crossover e utiizando switch. ( ) Prova ( ) Prova Semestral ( ) Exercícios ( ) Prova Modular ( ) Segunda Chamada ( ) Exame Final ( ) Prática de Laboratório ( ) Aproveitamento Extraordinário de Estudos Nota: Disciplina: Turma: Aluno

Leia mais

switches LAN (rede de comunicação local)

switches LAN (rede de comunicação local) O funcionamento básico de uma rede depende de: nós (computadores) um meio de conexão (com ou sem fios) equipamento de rede especializado, como roteadores ou hubs. Todas estas peças trabalham conjuntamente

Leia mais

Equipamentos de Redes. Placas de Rede, Repetidores, Hubs, Pontes,, Switches, Roteadores, Gateways

Equipamentos de Redes. Placas de Rede, Repetidores, Hubs, Pontes,, Switches, Roteadores, Gateways Equipamentos de Redes Placas de Rede, Repetidores, Hubs, Pontes,, Switches, Roteadores, Gateways Placas de Rede Placas de Rede Preparação dos quadros para que possam ser enviados pelos cabos. A placa de

Leia mais

A. Modos de operação. Introdução. 1.1 - Repetidor Wireless N. Configurações mínimas. 1.2 - Repetidor Wireless N + cabo RJ-45. A embalagem contém

A. Modos de operação. Introdução. 1.1 - Repetidor Wireless N. Configurações mínimas. 1.2 - Repetidor Wireless N + cabo RJ-45. A embalagem contém Introdução O Repetidor Wi-Fi N - 300 Mbps com 2 portas de rede (1 porta LAN + 1 porta WAN/LAN) Comtac modelo WN9254 foi desenvolvido para usuários que buscam ampliar a cobertura de uma rede Wireless existente

Leia mais

REGRAS RESOLUÇÃO DE EXERCÍ CIOS ESAF PROF. MARCIO HOLLWEG MHOLLWEG@TERRA.COM.BR

REGRAS RESOLUÇÃO DE EXERCÍ CIOS ESAF PROF. MARCIO HOLLWEG MHOLLWEG@TERRA.COM.BR RESOLUÇÃO DE EXERCÍ CIOS ESAF PROF. MARCIO HOLLWEG MHOLLWEG@TERRA.COM.BR REGRAS 1. Considerando-se a configuração de discos tolerantes a falhas, o RAID-5: a) Distribuem dados e paridades intermitentemente

Leia mais

15/02/2015. Conteúdo deste módulo. Curso de Preparatório para Concursos Públicos. Tecnologia da Informação REDES. Conceitos Iniciais

15/02/2015. Conteúdo deste módulo. Curso de Preparatório para Concursos Públicos. Tecnologia da Informação REDES. Conceitos Iniciais Curso de Preparatório para Concursos Públicos Tecnologia da Informação REDES Conceitos Iniciais; Classificações das Redes; Topologias de Redes; Meios de Transmissão; Arquitetura de Redes; Conteúdo deste

Leia mais

Módulo 1 Introdução às Redes

Módulo 1 Introdução às Redes CCNA 1 Conceitos Básicos de Redes Módulo 1 Introdução às Redes Ligação à Internet Ligação à Internet Uma ligação à Internet pode ser dividida em: ligação física; ligação lógica; aplicação. Ligação física

Leia mais

Conceito de Rede e seus Elementos. Prof. Marciano dos Santos Dionizio

Conceito de Rede e seus Elementos. Prof. Marciano dos Santos Dionizio Conceito de Rede e seus Elementos Prof. Marciano dos Santos Dionizio Conceito de Rede e seus Elementos O conceito de rede segundo Tanenbaum é: um conjunto de módulos processadores capazes de trocar informações

Leia mais

www.leitejunior.com.br 03/04/2012 13:47 Leite Júnior QUESTÕES CESGRANRIO 03/04/2012 AO VIVO

www.leitejunior.com.br 03/04/2012 13:47 Leite Júnior QUESTÕES CESGRANRIO 03/04/2012 AO VIVO 03/04/2012 13:47 QUESTÕES CESGRANRIO 03/04/2012 AO VIVO CONCURSO: TCE - RONDÔNIA CARGO: AGENTE ADMINISTRATIVO QUESTÃO 21 - No Microsoft Word, qual a extensão de um arquivo do tipo modelo de documento?

Leia mais

Claudivan C. Lopes claudivan@ifpb.edu.br

Claudivan C. Lopes claudivan@ifpb.edu.br Claudivan C. Lopes claudivan@ifpb.edu.br Sobre a arquitetura Ethernet Camadas da arquitetura Ethernet Topologias para redes Ethernet IFPB/Patos - Prof. Claudivan 2 É a arquitetura mais comum em redes locais

Leia mais

Utilizando License Server com AnywhereUSB

Utilizando License Server com AnywhereUSB Utilizando License Server com AnywhereUSB 1 Indice Utilizando License Server com AnywhereUSB... 1 Indice... 2 Introdução... 3 Conectando AnywhereUSB... 3 Instalação dos drivers... 3 Configurando AnywhereUSB...

Leia mais

Redes de Dados e Comunicações. Prof.: Fernando Ascani

Redes de Dados e Comunicações. Prof.: Fernando Ascani Redes de Dados e Comunicações Prof.: Fernando Ascani Conceito de Redes Redes de computadores são estruturas físicas (equipamentos) e lógicas (programas, protocolos) que permitem que dois ou mais computadores

Leia mais

Desafio 1 INFORMÁTICA PARA O TRT

Desafio 1 INFORMÁTICA PARA O TRT Desafio 1 INFORMÁTICA PARA O TRT Queridos alunos, vencem o desafio os 3 primeiros alunos a enviar as respostas corretas para o meu e-mail, mas tem que acertar todas... ;-) Vou começar a responder os e-mails

Leia mais

PROVA ESPECÍFICA Cargo 24

PROVA ESPECÍFICA Cargo 24 17 PROVA ESPECÍFICA Cargo 24 QUESTÃO 36 Considere que, no algoritmo em alto nível a seguir, V seja um vetor de inteiros contendo 10 posições indexadas de 0 a 9, e as demais variáveis sejam inteiras. 1.

Leia mais

SISTEMAS OPERACIONAIS. 01) Considere as seguintes assertivas sobre conceitos de sistemas operacionais:

SISTEMAS OPERACIONAIS. 01) Considere as seguintes assertivas sobre conceitos de sistemas operacionais: SISTEMAS OPERACIONAIS 01) Considere as seguintes assertivas sobre conceitos de sistemas operacionais: I. De forma geral, os sistemas operacionais fornecem certos conceitos e abstrações básicos, como processos,

Leia mais

www.leitejunior.com.br 10/04/2012 19:30 Leite Júnior QUESTÕES CESGRANRIO 10/04/2012 AO VIVO

www.leitejunior.com.br 10/04/2012 19:30 Leite Júnior QUESTÕES CESGRANRIO 10/04/2012 AO VIVO QUESTÕES CESGRANRIO 10/04/2012 AO VIVO DE PETRÓLEO E DERIVADOS... QUESTÃO 21 - Um determinado usuário trabalha em uma rede que possui o servidor anpout.gov.br para envio de e-mails e o servidor anpin.gov.br

Leia mais

Partição Partição primária: Partição estendida: Discos básicos e dinâmicos

Partição Partição primária: Partição estendida: Discos básicos e dinâmicos Partição Parte de um disco físico que funciona como se fosse um disco fisicamente separado. Depois de criar uma partição, você deve formatá-la e atribuir-lhe uma letra de unidade antes de armazenar dados

Leia mais

Como è feito computador

Como è feito computador Como è feito computador O computador contém uma parte elétrica e uma parte eletrónica. Parte elétrica é usada para transformar e dinstribuir a eletricidade que vem para os vários componentes. Parte eletrónica

Leia mais

PROVA DE INFORMÁTICA DA RECEITA FEDERAL

PROVA DE INFORMÁTICA DA RECEITA FEDERAL 1 PROVA DE INFORMÁTICA DA RECEITA FEDERAL 46- Analise as seguintes afirmações relacionadas aos conceitos básicos de hardware e software: I. O barramento PCI de 64 vias, também conhecido como PCI 64, suporta

Leia mais

Conceitos básicos sobre redes

Conceitos básicos sobre redes Capítulo 1 Conceitos básicos sobre redes Topologias de redes Colisão Clientes e servidores Redes ponto-a-ponto e clienteservidor Compartilhamentos Outras aplicações Cabos de rede Velocidades Os capítulos

Leia mais

Curso Técnico de Nível Médio

Curso Técnico de Nível Médio Curso Técnico de Nível Médio Disciplina: Informática Básica 2. Hardware: Componentes Básicos e Funcionamento Prof. Ronaldo Componentes de um Sistema de Computador HARDWARE: unidade

Leia mais

Capítulo 11: Redes de Computadores. Prof.: Roberto Franciscatto

Capítulo 11: Redes de Computadores. Prof.: Roberto Franciscatto Capítulo 11: Redes de Computadores Prof.: Roberto Franciscatto REDES - Introdução Conjunto de módulos de processamento interconectados através de um sistema de comunicação, cujo objetivo é compartilhar

Leia mais

Unidade 3 Visão Geral de Equipamentos de Rede

Unidade 3 Visão Geral de Equipamentos de Rede Faculdade INED Curso Superior de Tecnologia: Banco de Dados Redes de Computadores Disciplina: Redes de Computadores Prof.: Fernando Hadad Zaidan 1 Unidade 3 Visão Geral de Equipamentos de Rede 2 Repetidor

Leia mais

Técnico em Redes de Computadores. Equipamentos e Acessórios

Técnico em Redes de Computadores. Equipamentos e Acessórios Técnico em Redes de Computadores Equipamentos e Acessórios Componentes de uma Rede Uma rede é um sistema composto de um arranjo de componentes: Cabeamento Hardware Software Cabeamento Componentes de uma

Leia mais

Voltar. Placas de rede

Voltar. Placas de rede Voltar Placas de rede A placa de rede é o dispositivo de hardware responsável por envio e recebimento de pacotes de dados e pela comunicação do computador com a rede. Existem placas de rede on-board(que

Leia mais

CENTRO EDUCACIONAL FUCAPI LYNALDO CAVALCANTI DE ALBUQUERQUE CEEF LISTA DE EXERCÍCIOS

CENTRO EDUCACIONAL FUCAPI LYNALDO CAVALCANTI DE ALBUQUERQUE CEEF LISTA DE EXERCÍCIOS CENTRO EDUCACIONAL FUCAPI LYNALDO CAVALCANTI DE ALBUQUERQUE CEEF ALUNO(A): MATRÍCULA: COMPONENTE CURRICULAR: SISTEMA DE REDE WIRELESS PROFESSOR(A): Marcelo Mendes DATA: 04 07 2011 TURMA: LISTA DE EXERCÍCIOS

Leia mais

Como instalar Windows XP

Como instalar Windows XP Como instalar Windows XP 1 Como instalar Windows XP Existem 2 opções para instalar XP: Opção A: para micro novo sem Sistema Operacional instalado (Exemplo de sistema operacional:windows 98, Windows 2000,

Leia mais

LIGANDO MICROS EM REDE

LIGANDO MICROS EM REDE LAÉRCIO VASCONCELOS MARCELO VASCONCELOS LIGANDO MICROS EM REDE Rio de Janeiro 2007 ÍNDICE Capítulo 1: Iniciando em redes Redes domésticas...3 Redes corporativas...5 Servidor...5 Cliente...6 Estação de

Leia mais

REDES DE COMPUTADORES

REDES DE COMPUTADORES Universidade do Contestado Campus Concórdia Curso de Sistemas de Informação Prof.: Maico Petry REDES DE COMPUTADORES DISCIPLINA: Fundamentos em Informática Mundo Globalizado Acelerado desenvolvimento tecnológico

Leia mais

Redes de Computadores IEEE 802.3

Redes de Computadores IEEE 802.3 Redes de Computadores Ano 2002 Profª. Vívian Bastos Dias Aula 8 IEEE 802.3 Ethernet Half-Duplex e Full-Duplex Full-duplex é um modo de operação opcional, permitindo a comunicação nos dois sentidos simultaneamente

Leia mais

RECUPERANDO DADOS COM REDO BACKUP E RECOVERY

RECUPERANDO DADOS COM REDO BACKUP E RECOVERY RECUPERANDO DADOS COM REDO BACKUP E RECOVERY Redo Backup é um programa para a recuperação de arquivos e discos rígidos danificados. Com ele você dispõe de um sistema completo para resolver diversos problemas

Leia mais

REDES DE COMPUTADORES - I UNI-ANHANGUERA CENTRO UNIVERSITÁRIO DE GOIÁS CURSO DE ANÁLISE E DESENVOLVIMENTO DE SISTEMAS PROF.

REDES DE COMPUTADORES - I UNI-ANHANGUERA CENTRO UNIVERSITÁRIO DE GOIÁS CURSO DE ANÁLISE E DESENVOLVIMENTO DE SISTEMAS PROF. 1 REDES DE COMPUTADORES - I UNI-ANHANGUERA CENTRO UNIVERSITÁRIO DE GOIÁS CURSO DE ANÁLISE E DESENVOLVIMENTO DE SISTEMAS PROF. MARCIO BALIAN E L A B O R A Ç Ã O : M Á R C I O B A L I A N / T I A G O M A

Leia mais