: Supremo Tribunal Federal : Previdência Social

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download ": Supremo Tribunal Federal : Previdência Social"

Transcrição

1 : Supremo Tribunal Federal : Previdência Social ADI 3105 / DF - DISTRITO FEDERAL AÇÃO DIRETA DE INCONSTITUCIONALIDADE Relator(a): Min. ELLEN GRACIE Relator(a) p/ Acórdão: Min. CEZAR PELUSO Julgamento: 18/08/2004 Órgão Julgador: Tribunal Pleno Publicação: DJ PP EMENT VOL PP Parte(s) REQTE.(S) : ASSOCIAÇÃO NACIONAL DOS MEMBROS DO MINISTÉRIO PÚBLICO - CONAMP ADVDO.(A/S) : ARISTIDES JUNQUEIRA ALVARENGA E OUTRO (A/S) REQDO.(A/S) : CONGRESSO NACIONAL Ementa EMENTAS: 1. Inconstitucionalidade. Seguridade social. Servidor público. Vencimentos. Proventos de aposentadoria e pensões. Sujeição à incidência de contribuição previdenciária. Ofensa a direito adquirido no ato de aposentadoria. Não ocorrência. Contribuição social. Exigência patrimonial de natureza tributária. Inexistência de norma de imunidade tributária absoluta. Emenda Constitucional nº 41/2003 (art. 4º, caput). Regra não retroativa. Incidência sobre fatos geradores ocorridos depois do início de sua vigência. Precedentes da Corte. Inteligência dos arts. 5º, XXXVI, 146, III, 149, 150, I e III, 194, 195, caput, II e 6º, da CF, e art. 4º, caput, da EC nº 41/2003. No ordenamento jurídico vigente, não há norma, expressa nem sistemática, que atribua à condição jurídico-subjetiva da aposentadoria de servidor público o efeito de lhe gerar direito subjetivo como poder de subtrair ad aeternum a percepção dos respectivos proventos e pensões à incidência de lei tributária que, anterior ou ulterior, os submeta à incidência de contribuição previdencial. Noutras palavras, não há, em nosso ordenamento, nenhuma norma jurídica válida que, como efeito específico do fato jurídico da aposentadoria, lhe imunize os proventos e as pensões, de modo absoluto, à tributação de ordem constitucional, qualquer que seja a modalidade do tributo eleito, donde não haver, a respeito, direito adquirido com o aposentamento. 2. Inconstitucionalidade. Ação direta. Seguridade social. Servidor público. Vencimentos. Proventos de aposentadoria e pensões. Sujeição à incidência de contribuição previdenciária, por força de Emenda Constitucional. Ofensa a outros direitos e garantias individuais. Não ocorrência. Contribuição social. Exigência patrimonial de natureza tributária. Inexistência de norma de imunidade tributária

2 absoluta. Regra não retroativa. Instrumento de atuação do Estado na área da previdência social. Obediência aos princípios da solidariedade e do equilíbrio financeiro e atuarial, bem como aos objetivos constitucionais de universalidade, equidade na forma de participação no custeio e diversidade da base de financiamento. Ação julgada improcedente em relação ao art. 4º, caput, da EC nº 41/2003. Votos vencidos. Aplicação dos arts. 149, caput, 150, I e III, 194, 195, caput, II e 6º, e 201, caput, da CF. Não é inconstitucional o art. 4º, caput, da Emenda Constitucional nº 41, de 19 de dezembro de 2003, que instituiu contribuição previdenciária sobre os proventos de aposentadoria e as pensões dos servidores públicos da União, dos Estados, do Distrito Federal e dos Municípios, incluídas suas autarquias e fundações. 3. Inconstitucionalidade. Ação direta. Emenda Constitucional (EC nº 41/2003, art. 4º, únic, I e II). Servidor público. Vencimentos. Proventos de aposentadoria e pensões. Sujeição à incidência de contribuição previdenciária. Bases de cálculo diferenciadas. Arbitrariedade. Tratamento discriminatório entre servidores e pensionistas da União, de um lado, e servidores e pensionistas dos Estados, do Distrito Federal e dos Municípios, de outro. Ofensa ao princípio constitucional da isonomia tributária, que é particularização do princípio fundamental da igualdade. Ação julgada procedente para declarar inconstitucionais as expressões "cinquenta por cento do" e "sessenta por cento do", constante do art. 4º, único, I e II, da EC nº 41/2003. Aplicação dos arts. 145, 1º, e 150, II, cc. art. 5º, caput e 1º, e 60, 4º, IV, da CF, com restabelecimento do caráter geral da regra do art. 40, 18. São inconstitucionais as expressões "cinqüenta por cento do" e "sessenta por cento do", constantes do único, incisos I e II, do art. 4º da Emenda Constitucional nº 41, de 19 de dezembro de 2003, e tal pronúncia restabelece o caráter geral da regra do art. 40, 18, da Constituição da República, com a redação dada por essa mesma Emenda. Decisão O Tribunal, por unanimidade, rejeitou as preliminares. Votou o Presidente. Em seguida, após os votos da Senhora Ministra Ellen Gracie, Relatora, e Carlos Britto, que julgavam procedente a ação e declaravam a inconstitucionalidade do artigo 4º, caput, parágrafo único, incisos I e II, da Emenda Constitucional nº 41, de 19 de dezembro de 2003, e do voto do Senhor Ministro Joaquim Barbosa, que a julgava improcedente, pediu vista dos autos o Senhor Ministro Cezar Peluso. Falaram, pelas requerentes, Associação Nacional dos Membros do Ministério Público-CONAMP, o Dr. Aristides Junqueira Alvarenga e pela Associação Nacional dos Procuradores da República - ANPR, o Dr. Artur de Castilho Neto; pelas amici curiae, Federação Nacional dos Auditores Fiscais da Previdência Social-FENAFISP; Sindicato dos Policiais Civis de Londrina e Região- SINDIPOL; Associação Nacional dos Advogados da União e dos Advogados das Entidades Federais-ANAJUR; Sindicato Nacional dos Docentes das Instituições de Ensino Superior-ANDES; Associação Nacional dos Auditores Fiscais da Previdência Social-ANFIP; Federação Nacional dos Sindicatos de Trabalhadores do Judiciário Federal e Ministério Público da União-FENAJUFE; Sindicato Nacional dos Auditores Fiscais da Receita Federal-UNAFISCO SINDICAL; Sindicato dos Trabalhadores do Poder Judiciário e do Ministério Público da União no Distrito Federal-SINDJUS-DF, os

3 Drs. Mauro Menezes e José Luiz Wagner; pela Advocacia-Geral da União, o Dr. Álvaro Ribeiro Costa e, pelo Ministério Público Federal, o Dr. Cláudio Lemos Fonteles, Procurador-Geral da República. Presidência, em exercício, do Senhor Ministro Nelson Jobim, Vice-Presidente. Plenário, Renovado o pedido de vista do Senhor Ministro Cezar Peluso, justificadamente, nos termos do 1º do artigo 1º da Resolução nº 278, de 15 de dezembro de Presidência do Senhor Ministro Nelson Jobim. Plenário, O Tribunal, por maioria, julgou improcedente a ação em relação ao caput do artigo 4º da Emenda Constitucional nº 41, de 19 de dezembro de 2003, vencidos a Senhora Ministra Ellen Gracie, Relatora, e os Senhores Ministros Carlos Britto, Marco Aurélio e Celso de Mello. Por unanimidade, o Tribunal julgou inconstitucionais as expressões "cinqüenta por cento do" e "sessenta por cento do", contidas, respectivamente, nos incisos I e II do parágrafo único do artigo 4º da Emenda Constitucional nº 41/2003, pelo que aplica-se, então, à hipótese do artigo 4º da EC nº 41/2003 o 18 do artigo 40 do texto permanente da Constituição, introduzido pela mesma emenda constitucional. Votou o Presidente, o Senhor Ministro Nelson Jobim. Redigirá o acórdão o Senhor Ministro Cezar Peluso. Plenário, Indexação - INCONSTITUCIONALIDADE, EXPRESSÃO, CINQUENTA POR CENTO, (50%), SESSENTA POR CENTO, (60%), PARÁGRAFO ÚNICO, ARTIGO, (EMC), CARACTERIZAÇÃO, TRATAMENTO, DISCRIMINAÇÃO, SERVIDOR, INATIVIDADE, ESTADO-MEMBRO, DISTRITO FEDERAL, MUNICÍPIO, RECEBIMENTO, TRATAMENTO, DESVANTAGEM, RELAÇÃO, SERVIDOR INATIVO, QUADRO, UNIÃO FEDERAL, OFENSA, PRINCÍPIO CONSTITUCIONAL, ISONOMIA TRIBUTÁRIA // TEOR, DISPOSITIVO, (EMC), CRIAÇÃO, HIPÓTESE, IMUNIDADE, NORMA CONSTITUCIONAL, ESTRUTURA, FIXAÇÃO, COMPETÊNCIA TRIBUTÁRIA, LIMITAÇÃO, MATERIAL, FORMAL // (STF), APLICAÇÃO, MODO, TELEOLÓGICO, NORMA, RELAÇÃO, IMUNIDADE, SENTIDO, EXAME, FIM SUBJACENTE, NORMA CONSTITUCIONAL, ABRANGÊNCIA, FATO, NECESSIDADE, GARANTIA, FIM PÚBLICO, FEDERAÇÃO, LIBERDADE RELIGIOSA, PROCESSO DEMOCRÁTICO, EDUCAÇÃO, MANIFESTAÇÃO, PENSAMENTO // SERVIDOR PÚBLICO, INATIVIDADE, IMUNIDADE TRIBUTÁRIA, LIMITAÇÃO, VALOR MÁXIMO, FIXAÇÃO, EMENDA CONSTITUCIONAL, CONCESSÃO, BENEFÍCIO, SERVIDOR, ATIVIDADE // REGIME GERAL PREVIDÊNCIA, UTILIZAÇÃO, VALOR, BENEFÍCIO, CRITÉRIO CONSTITUCIONAL, IGUALDADE NORMATIVA, DESCONSIDERAÇÃO, PESSOA, BENEFICIÁRIA // POSIÇÃO, SERVIDOR APOSENTADO, AUSÊNCIA, EXCLUSÃO, RESPONSABILIDADE SOCIAL, CUSTEIO, SISTEMA PREVIDENCIÁRIO // (EMC), CONTESTAÇÃO, ALTERAÇÃO, NATUREZA CONTRIBUTIVA, REGIME PREVIDENCIAL, TRANSFORMAÇÃO, CARÁTER, CONTRIBUTIVO, SOLIDÁRIO // CONTRIBUIÇÃO PREVIDENCIÁRIA, NATUREZA JURÍDICA, TRIBUTO, EXISTÊNCIA, DIVERGÊNCIA, DOUTRINA, CLASSIFICAÇÃO, QUADRO,

4 TRIBUTO, CARACTERIZAÇÃO, ESPÉCIE AUTÔNOMA, SUBESPÉCIE, IMPOSTO, TAXA // CONTRIBUIÇÃO PREVIDENCIÁRIA, TRIBUTO, OBEDIÊNCIA, REGIME JURÍDICO PRÓPRIO, RESULTADO, DESTINAÇÃO CONSTITUCIONAL, RECEITA, SUBMISSÃO, FINALIDADE, ESPECIFICAÇÃO, DISPOSITIVO CONSTITUCIONAL // IMPOSTO, FUNDAMENTAÇÃO, PODER, IMPÉRIO, ESTADO // TAXA, CONCEITO, BENEFÍCIO, NOÇÃO, CONTRAPRESTAÇÃO // CONTRIBUIÇÃO PREVIDENCIÁRIA, CONCEITO, SOLIDARIEDADE, RELAÇÃO, INTEGRANTE, GRUPO SOCIAL, ECONÔMICO, FUNÇÃO, FINALIDADE. - (FUNDAMENTAÇÃO COMPLEMENTAR), (MIN. GILMAR MENDES), INCONSTITUCIONALIDADE, PARÁGRAFO ÚNICO, ARTIGO, (EMC), VIOLAÇÃO, PRINCÍPIO DA IGUALDADE, FIXAÇÃO, DIFERENCIAÇÃO, SERVIDOR, ESTADO-MEMBRO, (DF), MUNICÍPIO, COMPARAÇÃO, SERVIDOR, UNIÃO FEDERAL // INEXISTÊNCIA, DIREITO ADQUIRIDO, REGIME JURÍDICO, INSTITUTO, DIREITO, RESULTADO, LEI NOVA, POSSIBILIDADE, MODIFICAÇÃO, DETERMINAÇÃO, APLICAÇÃO IMEDIATA // FACE, INSUFICIÊNCIA, PRINCÍPIO, DIREITO ADQUIRIDO, ORDEM CONSTITUCIONAL, UTILIZAÇÃO, PRINCÍPIO, SEGURANÇA JURÍDICA, TRADUÇÃO, PROTEÇÃO, CONFIANÇA, DEPÓSITO, SUBSISTÊNCIA, MODELO LEGAL // SISTEMA, PREVIDÊNCIA SOCIAL, FUNDAMENTAÇÃO, ESSENCIALIDADE, IDÉIA, SOLIDARIEDADE, RESULTADO, PREMISSA, CONTRIBUIÇÃO PREVIDENCIÁRIA, RELAÇÃO, SOLVABILIDADE, SISTEMA, AUSÊNCIA, BENEFÍCIO. - (FUNDAMENTAÇÃO COMPLEMENTAR), (MIN. CARLOS VELLOSO), INCONSTITUCIONALIDADE, EXPRESSÃO, PARÁGRAFO ÚNICO, ARTIGO, (EMC), FIXAÇÃO, PERCENTUAL, (50%), (60%), DIFERENCIAÇÃO, SERVIDOR, ESTADO-MEMBRO (DF), MUNICÍPIO, COMPARAÇÃO, SERVIDOR, UNIÃO FEDERAL, OFENSA, PRINCÍPIO ISONÔMICO // CONSTITUCIONALIDADE, "CAPUT", ARTIGO, (EMC), DETERMINAÇÃO, COBRANÇA, CONTRIBUIÇÃO PREVIDENCIÁRIA, SERVIDOR, INATIVIDADE, PENSIONISTA, INCIDÊNCIA, PARCELA, PROVENTO, PENSÃO, SUPERAÇÃO, LIMITE MÁXIMO, FIXAÇÃO, BENEFÍCIO, REGIME GERAL, PREVIDÊNCIA SOCIAL, CONFORMIDADE, DISPOSITIVO CONSTITUCIONAL // CONTRIBUIÇÃO PREVIDENCIÁRIA, CARÁTER TRIBUTÁRIO, OBJETIVO, FINANCIAMENTO, SEGURIDADE SOCIAL, SOLIDARIEDADE, PARTICIPAÇÃO, TOTALIDADE, SOCIEDADE, DESTINAÇÃO, SEGURANÇA, DIREITO, RELAÇÃO, SAÚDE, PREVIDÊNCIA SOCIAL, ASSISTÊNCIA SOCIAL // IMPOSSIBILIDADE, AFASTAMENTO, INCIDÊNCIA, TRIBUTO, AUSÊNCIA, PREVISÃO EXPRESSA, CLASSE, SERVIDOR PÚBLICO, INEXISTÊNCIA, DIREITO, AUSÊNCIA, TRIBUTAÇÃO, RESSALVA, HIPÓTESE, IMUNIDADE TRIBUTÁRIA // LEGISLAÇÃO, INSTITUIÇÃO, TRIBUTO, OBSERVÂNCIA, PRINCÍPIO CONSTITUCIONAL, ALCANCE, TOTALIDADE, SUJEITO PASSIVO, CAMPO, INCIDÊNCIA,

5 DESCRIÇÃO, LEI. - (VOTO VENCIDO), (MIN. ELLEN GRACIE), INCONSTITUCIONALIDADE, TOTALIDADE, ARTIGO, (EMC), SUJEIÇÃO, PROVENTO, PENSÃO, SERVIDOR PÚBLICO, APOSENTADORIA, PAGAMENTO, CONTRIBUIÇÃO PREVIDENCIÁRIA // CARACTERIZAÇÃO, BI-TRIBUTAÇÃO, FATO GERADOR, CONTRIBUIÇÃO PREVIDENCIÁRIA, RECEBIMENTO, BENEFÍCIO, COINCIDÊNCIA, IMPOSTO DE RENDA, INCIDÊNCIA, PROVENTO, PENSÃO // CONTRIBUIÇÃO PREVIDENCIÁRIA, MODALIDADE, TRIBUTO, VINCULAÇÃO, TIPO, PRESTAÇÃO, DESTINAÇÃO, ALIMENTAÇÃO, FUNDO, SEGURIDADE SOCIAL, INEXISTÊNCIA, CAUSA LEGÍTIMA, IMPOSIÇÃO, CONTRIBUIÇÃO, SERVIDOR APOSENTADO, FUNDAMENTAÇÃO, TESE, "DÉFICIT", PREVIDÊNCIA, ALEGAÇÃO, FATO PASSADO, AUSÊNCIA, RESPONSABILIDADE, SERVIDOR // IMPOSSIBILIDADE, CONSTITUINTE DERIVADO, INTERMÉDIO, EMENDA CONSTITUCIONAL, FIXAÇÃO, EXCEÇÃO, REGRA, INCIDÊNCIA, CASO, PRINCÍPIO CONSTITUCIONAL, BI- TRIBUTAÇÃO, ISONOMIA TRIBUTÁRIA, DIVERSIDADE, APLICAÇÃO, PRINCÍPIO DA ANTERIORIDADE, CONSTITUINTE ORIGINÁRIO, RESSALVA, HIPÓTESE, CABIMENTO, EXCEÇÃO // CRIAÇÃO, MAJORAÇÃO, BENEFÍCIO, NECESSIDADE, INDICAÇÃO, CORRESPONDÊNCIA, FONTE, CUSTEIO, GARANTIA, SERVIDOR, JUSTIFICATIVA, COBRANÇA // REGIME, PREVIDÊNCIA SOCIAL, CARÁTER CONTRIBUTIVO, NECESSIDADE, CORRELAÇÃO, CUSTO, BENEFÍCIO // OFENSA, EQUILÍBRIO FINANCEIRO, ATUARIAL, SUBVERSÃO, VINCULAÇÃO CAUSAL, FATO, COBRANÇA, CONTRIBUIÇÃO PREVIDENCIÁRIA, APOSENTADO, OBJETIVO, CUSTEIO, SEGURIDADE SOCIAL, AUSÊNCIA, CONTRAPARTIDA, CONCESSÃO, SERVIDOR, ACESSO, NOVIDADE, BENEFÍCIO, RESULTADO, COBRANÇA, AUSÊNCIA, CAUSA EFICIENTE // OFENSA, PRINCÍPIO, ISONOMIA, IMPOSIÇÃO, DESIGUALDADE, CONTRIBUINTE, APOSENTADORIA, ANTERIORIDADE, POSTERIORIDADE, VIGÊNCIA, EMENDA CONSTITUCIONAL // IMPOSSIBILIDADE, CONSTITUINTE DERIVADO, ALTERAÇÃO, DISPOSITIVO, GARANTIA INDIVIDUAL, CIDADÃO, FIXAÇÃO, PODER CONSTITUINTE ORIGINÁRIO, DENOMINAÇÃO, CLÁUSULA PÉTREA // EVOLUÇÃO, SISTEMA, APOSENTADORIA, SETOR PÚBLICO, CARACTERIZAÇÃO, GARANTIA, PRÊMIO, CONCESSÃO, SERVIDOR, RAZÃO, NATUREZA, VÍNCULO, ATIVIDADE ESTATAL // EXCLUSIVA, ATUAÇÃO, PODER CONSTITUINTE ORIGINÁRIO, POSSIBILIDADE, DESCONSTITUIÇÃO, DIREITO ADQUIRIDO, ATO JURÍDICO PERFEITO, COISA JULGADA, CONFORMIDADE, TERMO, SISTEMA CONSTITUCIONAL, VIGÊNCIA // EMENDA CONSTITUCIONAL, CRIAÇÃO, REGIME, PREVIDÊNCIA, CARÁTER CONTRIBUTIVO, PREVALÊNCIA, TEMPO, CONTRIBUIÇÃO, SUBSTITUIÇÃO, TEMPO DE SERVIÇO, FIXAÇÃO, LIMITE, IDADE, APOSENTADORIA, TETO, VALOR, APOSENTADORIA, PENSÃO.

6 - (VOTO VENCIDO), (MIN. CARLOS BRITTO), INCONSTITUCIONALIDADE, DISPOSITIVO, (EMC), EXTENSÃO, COBRANÇA, CONTRIBUIÇÃO PREVIDENCIÁRIA, SERVIDOR, APOSENTADORIA, PENSIONISTA // SOLIDARIEDADE, RESULTADO, AÇÃO CONJUNTA, PARCERIA, SOCIEDADE, ESTADO, OBJETIVO, DESENVOLVIMENTO, AÇÃO, SEGURIDADE SOCIAL, BENEFÍCIO, APOSENTADO, PENSIONISTA // PROVENTO, APOSENTADORIA, PENSÃO, CARACTERIZAÇÃO, DIREITO SUBJETIVO, SERVIDOR PÚBLICO, CONDICIONAMENTO, PREENCHIMENTO, REQUISITO CONSTITUCIONAL, FIXAÇÃO, NORMA GERAL, DENOMINAÇÃO, DIREITO ADQUIRIDO // MOMENTO, ADMINISTRAÇÃO PÚBLICA, CONCESSÃO, APOSENTADORIA, SERVIDOR, DIREITO ADQUIRIDO, TRANSFORMAÇÃO, ATO JURÍDICO PERFEITO, COBERTURA, MANTO, PETREALIDADE, INVIABILIDADE, ATO, LEGISLATIVO, SUJEIÇÃO, APOSENTADO, RETORNO, SITUAÇÃO, CONTRIBUINTE, RECOLHIMENTO, CONTRIBUIÇÃO, SISTEMA PREVIDENCIÁRIO. - (VOTO VENCIDO), (MIN. CELSO DE MELLO), INTEGRALIDADE, PROCEDÊNCIA, PEDIDO, DECLARAÇÃO, INCONSTITUCIONALIDADE, TOTALIDADE, ARTIGO, (EMC), INCIDÊNCIA, CONTRIBUIÇÃO PREVIDENCIÁRIA, PROVENTOS, INATIVO, PENSIONISTA // PODER, REFORMA, CONSTITUIÇÃO FEDERAL, SUBORDINAÇÃO, MULTIPLICIDADE, LIMITAÇÃO, ORDEM, FORMAL, CIRSCUNSTANCIAL, MATERIAL // CLÁUSULA PÉTREA, CARACTERIZAÇÃO, ESFORÇO, CONSTITUINTE, SEGURANÇA, INTEGRIDADE, (CF), OBSTÁCULO, SURGIMENTO, ALTERAÇÃO, RESULTADO, ENFRAQUECIMENTO, DESTRUIÇÃO, CONSEQUÊNCIA, MUDANÇA, IDENTIDADE, SISTEMA CONSTITUCIONAL // EMENDA CONSTITUCIONAL, POSSIBILIDADE, OBJETO, CONTROLE, CONSTITUCIONALIDADE // MOMENTO, ANTERIORIDADE, (EMC), SERVIDOR PÚBLICO, INATIVIDADE, PENSIONISTA, PREENCHIMENTO, REQUISITO, NECESSIDADE, OBTENÇÃO, APOSENTADORIA, INVESTIDURA, TITULARIDADE, DIREITO SUBJETIVO, CONSEQÜÊNCIA, AMPARO, REPRESENTAÇÃO, CLÁUSULA PÉTREA // CLÁUSULA PÉTREA, OBJETIVO, OBSTÁCULO, PODER, REFORMA, ESTADO, ALTERAÇÃO, CONSTITUIÇÃO FEDERAL, RESULTADO, COMPROMETIMENTO, DIREITO, GARANTIA FUNDAMENTAL // COBRANÇA, CONTRIBUIÇÃO PREVIDENCIÁRIA, APOSENTADO, PENSIONISTA, VIOLAÇÃO, PRINCÍPIO, EQUILÍBRIO FINANCEIRO E ATUARIAL // DECRETAÇÃO, INCONSTITUCIONALIDADE, JUSTIFICAÇÃO, CARÁTER, FUNDAMENTALIDADE, PRINCÍPIO, PROIBIÇÃO, RETROCESSO SOCIAL, OBSTÁCULO, DESCONSTITUIÇÃO, CONQUISTA, CIDADÃO. Legislação

7 LEG-FED CF-****** ANO-1934 ART (Nº 3) ****** CF-1934 CONSTITUIÇÃO FEDERAL LEG-FED CF-****** ANO-1937 ART ****** CF-1937 CONSTITUIÇÃO FEDERAL LEG-FED EMC ANO-1969 ART PAR (Atual ART.154, INC-I da CF-1988) ****** CF-1969 CONSTITUIÇÃO FEDERAL LEG-FED CF-****** ANO-1988 ART INC INC INC ART "CAPUT" INC INC INC INC INC INC INC ART PAR ART ART INC INC ART "CAPUT" INC INC ART (Redação dada pela EMC-20/1998) ART "CAPUT" ART "CAPUT" (Redação dada pela EMC-41/2003) ART PAR (Redação dada pela EMC-20/1998) ART PAR PAR PAR PAR ART PAR (Redação dada pela EMC-3/1993) ART PAR (Redação anterior à EMC-41/2003) ART PAR (Redação dada pela EMC-20/1998) ART PAR ART PAR PAR PAR (Redação dada pela EMC-20/1998) ART PAR (Redação dada pela EMC-41/2003) ART ART PAR PAR PAR ART PAR INC INC ART INC ART INC LET-A ART INC ART INC LET-A ART PAR INC LET-A ART PAR INC ART INC INC ART PAR ART INC LET-A ART "CAPUT" ART PAR (Com a redação anterior à EMC-41/2003) ART INC INC INC ART INC LET-A LET-B LET-C

8 ART INC ART INC ART ART INC ART PAR INC ART ART ART INC INC ART "CAPUT" ART PAR-ÚNICO INC INC INC INC INC INC INC ART "CAPUT" INC LET-A LET-B LET-C ART INC (Redação dada pela EMC-20/1998) ART INC INC ART PAR PAR PAR PAR ART "CAPUT" ART PAR ART PAR ART ART ****** CF-1988 CONSTITUIÇÃO FEDERAL LEG-FED LEI ANO-1966 ART ART ART ****** CTN-1966 CÓDIGO TRIBUTÁRIO NACIONAL LEG-FED EMC ANO-1993 (Alterou a redação do 6º do art. 40 da CF-1988) LEG-FED EMC ANO-1998 ART (Acrescentou o art. 249 à CF/1988) LEG-FED EMC ANO-1998 ART LEG-FED EMC ANO-2003 ART PAR ART "CAPUT" ART "CAPUT" ART PAR-ÚNICO INC INC ART ART LEG-FED LEI ANO-1990 ART ART ART ****** RJU-1990 REGIME JURÍDICO DOS SERVIDORES PÚBLICOS CIVIS DA UNIÃO, DAS AUTARQUIAS E DAS FUNDAÇÕES PÚBLICAS FEDERAIS LEG-FED LEI ANO-1991 ART ART (Alterou o art. 247 da Lei-8112/1990) LEG-FED LEI ANO-1991 ART (Redação dada pela Lei-9717/1998)

9 LEG-FED LEI ANO-1991 ART (Revogado pela Lei-9129/1995) LEG-FED LEI ANO-1993 (Alterou o art. 231 do RJU) LEG-FED LEI ANO-1995 LEG-FED LEI ANO-1999 ART ART-0005A LEG-FED MPR ANO-1994 (Convertida na Lei-9630/1998) LEG-FED MPR ANO-1996 ART LEG-FED MPR (REEDIÇÃO nº 13) LEG-FED MPR (REEDIÇÃO nº 20) LEG-FED MPR ANO-2004 ART (Acresce o art. 5-A à Lei-9783/1999) LEG-FED DEL ANO-1938 ART LET-A ART ART LET-A LET-B LET-C LET-D ART PAR-ÚNICO LEG-FED DEC ANO-1973 ART (Regulamentou a Lei-3807/1960) LEG-FED SUM (STF) LEG-FED PRT ANO-2002 (Secretaria de Orçamento Federal - SOF) Observação Acórdãos citados: ADC 1 (RTJ-156/721), ADC 3 (RTJ-187/3), ADI 159 (RTJ- 147/376), ADI 223 MC (RTJ-132/571), SS 775 AgR (Informativo nº-8), ADI 790 (RTJ- 147/921), SS 819 AgR, ADI 939 (RTJ-151/755), ADI 939 MC, ADI 1141, ADI 1303 MC (RTJ-174/743), ADI 1402 MC, ADI 1430, ADI 1430 MC (RTJ-164/98), ADI 1441 MC (RTJ-166/890), MS 1447, Rp 1451 (RTJ-127/789), ADI 2010 MC (RTJ-181/73), ADI 2087 MC (RTJ-189/68), ADI 2110, ADI 2111, ADI 2777, ADI 2874 (RTJ- 189/200), RE (RTJ-83/74), RE ED-Edv, RE (RTJ-72/155), RE (RTJ-97/842), RE (RTJ-104/269), RE (RTJ-116/1065), RE (RTJ-115/379), RE ED (RTJ-119/783), RE (RTJ-118/709), RE (RTJ-137/398), RE (RTJ-143/684), RE (RTJ-149/654), RE (RTJ-148/932), RE (RTJ-166/267), RE (RTJ-151/646), RE (RTJ-156/666), RE , RE (RTJ-178/428), RE (RTJ-174/916), RE

10 AgR, RE , RE (RTJ-190/333); RTJ-134/1112, RTJ-143/724, RTJ- 156/451, RTJ-166/267, RTJ-166/893, RTJ-178/428, RTJ-181/73. - Veja Informativos 349 e 357 do STF; Estatuto do Servidor Público de 1952; Exposição de motivos da Proposta de Emenda n 41/03, itens 64, 65, 66, 67, 68, 69, 70, 71; art. 28 da Declaração dos Direitos do Homem e do Cidadão; Acórdão n 173/2001 do Tribunal Constitucional Português; Acórdão n 39/84 do Tribunal Constitucional português; "Acórdãos do Tribunal Constitucional", vol. 3/95-131, , 1984, Imprensa Nacional, Lisboa. Legislação estrangeira citada: art. 2 da Lei Constitucional Francesa de 14/8/1884. N.PP.:(327). Análise:(JBM). Inclusão: 02/06/05, (CSM). Alteração: 06/02/06, (MLR). Doutrina OBRA: DIREITO CONSTITUCIONAL AUTOR: JOSÉ JOAQUIM GOMES CANOTILHO EDITORA: ALMEDINA, COIMBRA ANO: 1993 EDIÇÃO: 6ª PÁGINAS: 95 OBRA: CONSTITUIÇÃO DO BRASIL INTERPRETADA AUTOR: ALEXANDRE DE MORAES EDITORA: ATLAS, SÃO PAULO ANO: 2003 EDIÇÃO: 2ª PÁGINAS: 91, 1091/93 OBRA: CURSO DE DIREITO TRIBUTÁRIO BRASILEIRO AUTOR: SACHA CALMON NAVARRO COELHO EDITORA: FORENSE ANO: 1999 PÁGINAS: OBRA: DROIT FISCAL AUTOR: GILBERT TIXIER ET GUY GEST EDITORA: L.G.D.J. ANO: 1976 PÁGINAS: 98 OBRA: DIREITO CONSTITUCIONAL E TEORIA DA CONSTITUIÇÃO AUTOR: JOSÉ JOAQUIM GOMES CANOTILHO EDITORA: ALMEDINA ANO: 1998 PÁGINAS: 320, 937,943 OBRA: TEORIA DA CONSTITUIÇÃO AUTOR: CARLOS AYRES BRITTO EDITORA: FORENSE ANO: 2003 PÁGINAS: 112, 113 OBRA: DIREITO ADMINISTRATIVO E CONSTITUCIONAL- DIREITO ADQUIRIDO CONTRA AS EMENDAS CONSTITUCIONAIS AUTOR: WALMIR PONTES FILHO

11 EDITORA: MALHEIROS EDITORES ANO: 1997 VOLUME: 2º PÁGINAS: 151/161 OBRA: CONTRIBUIÇÕES (UMA FIGURA "SUI GENERIS") AUTOR: MARCO AURÉLIO GRECO EDITORA: DIALÉTICA, SÃO PAULO ANO: 2000 PÁGINAS: 74,83 OBRA: CURSO DE DIREITO CONSTITUCIONAL TRIBUTÁRIO AUTOR: ROQUE ANTÔNIO CARRAZZA EDITORA: MALHEIROS, SÃO PAULO ANO: 2003 EDIÇÃO: 19ª PÁGINAS: 352 OBRA: CAUSALIDADE E RELAÇÃO NO DIREITO AUTOR: LOURIVAL VILANOVA EDITORA: SARAIVA ANO: 1989 EDIÇÃO: 2ª PÁGINAS: 146 OBRA: HIPÓTESE DE INCIDÊNCIA TRIBUTÁRIA AUTOR: GERALDO ATALIBA EDITORA: MALHEIROS ANO: 2003 EDIÇÃO: 6ª PÁGINAS: 66, 126 OBRA: TEORIA DO ORDENAMENTO JURÍDICO AUTOR: NORBERTO BOBBIO EDITORA: UNIVERSIDADE DE BRASÍLIA, BRASÍLIA ANO: 1996 VOLUME: 8ª PÁGINAS: 45 OBRA: SISTEMA CONSTITUCIONAL TRIBUTÁRIO AUTOR: HUMBERTO ÁVILA EDITORA: SARAIVA ANO: 2004 PÁGINAS: 210, 337, 344 OBRA: CONTRIBUIÇÃO DE INATIVOS: UMA INTERPRETAÇÃO POSSÍVEL. 03/Rev 06 AUTOR: IVES GANDRA DA SILVA MARTINS E GILMAR FERREIRA MENDES ANO: 1999 OBRA: PENSAMENTO SISTEMÁTICO E CONCEITO DE SISTEMA NA CIÊNCIA DO DIREITO AUTOR: CLAUS-WILHELM CANARIS EDITORA: FUND. CALOUSTE GULBENKIAN ANO: 1996 PÁGINAS: 225, 226 OBRA: METODOLOGIA DA CIÊNCIA DO DIREITO AUTOR: KARL LARENZ EDITORA: FUND. CALOUSTE GULBENKIAN, LISBOA ANO: 1997 EDIÇÃO: 3ª PÁGINAS: 517 OBRA: TEORIA GENERALE DEL DIRITTO, TORINO, GIAPPICHELLI AUTOR: NORBERTO BOBBIO ANO: 1993 PÁGINAS: 146 OBRA: TEORIA PURA DO DIREITO, TRADUÇÃO DE JOÃO BAPTISTA

12 MACHADO, ARMÊNIO AMADO, COIMBRA AUTOR: HANS KELSEN ANO: 1976 EDIÇÃO: 4ª PÁGINAS: 464 e ss. OBRA: DIREITO ADMINISTRATIVO AUTOR: FRANCISCO CAMPOS EDITORA: FREITAS BASTOS S/A ANO: 1958 VOLUME: 2 PÁGINAS: 12, 188/191 OBRA: DA RETROACTIVIDADE DAS LEIS CIVIS AUTOR: REINALDO PORCHAT EDITORA: DUPRAT & COMP. ANO: 1909 PÁGINAS: 8 OBRA: COMENTÁRIOS À CONSTITUIÇÃO DE 1967 COM A EMENDA N.1 DE 1969 AUTOR: PONTES DE MIRANDA EDITORA: REVISTA DOS TRIBUNAIS ANO: 1969 VOLUME: 5 EDIÇÃO: 2ª PÁGINAS: 80, 82 OBRA: DIREITO INTERTEMPORAL OU TEORIA DA RETROATIVIDADE DAS LEIS AUTOR: CARLOS MAXIMILIANO EDITORA: FREITAS BASTOS ANO: 1946 PÁGINAS: 22 OBRA: TRAITÉ ÉLÉMENTAIRE DE DROIT ADMINISTRATIF AUTOR: LAUBADÈRE EDITORA: LGDJ ANO: 1967 EDIÇÃO: 4ª PÁGINAS: 17, 18 OBRA: ATO ADMINISTRATIVO E DIREITO DOS ADMINISTRADOS AUTOR: CELSO ANTÔNIO BANDEIRA DE MELLO EDITORA: REVISTA DOS TRIBUNAIS ANO: 1981 PÁGINAS: OBRA: INTRODUÇÃO AO DIREITO E AO DISCURSO LEGITIMADOR, 12ª REIMPRESSÃO, COIMBRA. AUTOR: JOÃO BAPTISTA MACHADO ANO: 2000 PÁGINAS: 234 e ss. OBRA: PRINCÍPIOS GERAIS DE DIREITO ADMINISTRATIVO AUTOR: OSWALDO ARANHA BANDEIRA DE MELLO EDITORA: FORENSE, RIO DE JANEIRO ANO: 1979 EDIÇÃO: 2ª PÁGINAS: 425 OBRA: ISTITUZIONI DI DIRITTO CIVILE, PADOVA, CEDAM AUTOR: : TRABUCCHI ANO: 1997 EDIÇÃO: 37ª PÁGINAS: 667 OBRA: TEORIA GERAL DO DIREITO CIVIL AUTOR: MOTA PINTO EDITORA: COIMBRA EDITORA ANO: 1976 PÁGINAS: 279

13 OBRA: : CURSO DE DIREITO CIVIL. FONTES DAS OBRIGAÇÕES. CONTRATOS AUTOR: SERPA LOPES EDITORA: FREITAS BASTOS, RIO DE JANEIRO ANO: 1991 VOLUME: 3 EDIÇÃO: 4ª PÁGINAS: 31 OBRA: THEORIE DER GRUNDRECHTE, SUHRKAMP, FRANKFURT AM MAIN AUTOR: ROBERT ALEXY ANO: 1986 PÁGINAS: 357 e ss. OBRA: O CONTEÚDO JURÍDICO DO PRINCÍPIO DA IGUALDADE AUTOR: CELSO ANTÔNIO BANDEIRA DE MELLO EDITORA: REVISTA DOS TRIBUNAIS ANO: 1978 PÁGINAS: 15,16 OBRA: DIREITO PÚBLICO: ESTUDOS E PARECERES AUTOR: FÁBIO KONDER COMPARATO EDITORA: SARAIVA ANO: 1996 PÁGINAS: 135 OBRA: PRINCÍPIOS CONSTITUCIONAIS TRIBUTÁRIOS E A CLÁUSULA DUE PROCESS OF LAW AUTOR: ANTÔNIO ROBERTO SAMPAIO DÓRIA EDITORA: REVISTA DOS TRIBUNAIS ANO: 1964 PÁGINAS: 193/196 OBRA: MANUAL DE DIREITO CONSTITUCIONAL AUTOR: JORGE MIRANDA EDITORA: COIMBRA ANO: 1990 VOLUME: 2 PÁGINAS: 165, 190 OBRA: GRUNDZÜGE DES VERFASSUNGSRECHTS DER BUNDESREPUBLIK DEUTSCHLAND AUTOR: HONRAD HESSE EDITORA: HEIDELBERG: C.F. MÜLLER ANO: 1988 EDIÇÃO: 16ª PÁGINAS: 263 OBRA: VERFASSUNGSENTWICKLUNG: STABILITAT UND DYNAMIK IM VERGASSUNGSRECHT DER BUNDESREPUBLIK DEUTSCHLAND AUTOR: OTTO-BRUN BRYDE ANO: 1982 PÁGINAS: 227/242 OBRA: CURSO ELEMENTAR DE DIREITO ROMANO AUTOR: REYNALDO PORCHAT EDITORA: MELHORAMENTOS ANO: 1937 VOLUME: 1 EDIÇÃO: 2ª PÁGINAS: 338, 339 OBRA: DIREITO INTERTEMPORAL OU TEORIA DA RETROATIVIDADE DAS LEIS AUTOR: CARLOS MAXIMILIANO ANO: 1955 EDIÇÃO: 2ª PÁGINAS: 9-13, 62 OBRA: PRINCÍPIOS GERAIS DE DIREITO ADMINISTRATIVO AUTOR: CELSO ANTÔNIO BANDEIRA DE MELLO

14 VOLUME: 1 PÁGINAS: 270, 276, 281 OBRA: TRAITÉ DE DROIT ROMAIN AUTOR: M. F. C. SAVIGNY ANO: 1860 PÁGINAS: 375,503,525 OBRA: LE DROIT TRANSITOIRE AUTOR: PAUL ROUBIER ANO: 1960 EDIÇÃO: 2ª PÁGINAS: OBRA: DIREITO CONSTITUCIONAL AUTOR: JOSÉ JOAQUIM GOMES CANOTILHO EDITORA: ALMEDINA, COIMBRA ANO: 1991 EDIÇÃO: 5ª PÁGINAS: 384, 577 OBRA: INSTITUIÇÕES DE DIREITO CIVIL AUTOR: CAIO MÁRIO DA SILVA PEREIRA EDITORA: FORENSE ANO: 1961 VOLUME: 1 PÁGINAS: 125 OBRA: TEMAS DE DIREITO PÚBLICO AUTOR: CARLOS VELLOSO EDITORA: DEL REY ANO: 1997 EDIÇÃO: 1ª PÁGINAS: 457 OBRA: DIREITO TRIBUTÁRIO BRASILEIRO AUTOR: ALIOMAR BALEEIRO, ATUALIZADO POR MISABEL DERZI EDITORA: FORENSE ANO: 1999 EDIÇÃO: 11ª PÁGINAS: 1033 OBRA: A FORÇA NORMATIVA DA CONSTITUIÇÃO, TRADUÇÃO DE GILMAR FERREIRA MENDES AUTOR: KONRAD HESSE EDITORA: FABRIS EDITOR ANO: 1991 PÁGINAS: 22 OBRA: DIREITO CONSTITUCIONAL COMPARADO: O PODER CONSTITUINTE AUTOR: MANOEL GONÇALVES FERREIRA FILHO ANO: 1974 VOLUME: 1 PÁGINAS: 69 OBRA: FUNDAMENTOS DA CONSTITUIÇÃO AUTOR: JOSÉ JOAQUIM GOMES CANOTILHO E VITAL MOREIRA EDITORA: COIMBRA ANO: 1991 PÁGINAS: 289 OBRA: CONTROLE DE CONSTITUCIONALIDADE - ASPECTOS JURÍDICOS E POLÍTICOS AUTOR: GILMAR FERREIRA MENDES EDITORA: SARAIVA ANO: 1990 PÁGINAS: 95, 98 OBRA: NORMAS CONSTITUCIONAIS INCONSTITUCIONAIS? AUTOR: OTTO BACHOF EDITORA: ATLÂNTIDA ANO: 1977 PÁGINAS: 52, 54 OBRA: O PROCESSO LEGISLATIVO

15 AUTOR: NELSON DE SOUSA SAMPAIO EDITORA: SARAIVA ANO: 1968 PÁGINAS: 68, 71 OBRA: TEORIA DA CONSTITUIÇÃO AUTOR: CARLOS AYRES BRITTO EDITORA: FORENSE ANO: 2003 PÁGINAS: 117, 121 OBRA: O DIREITO LEGAL AUTOR: J. M. OTHON SIDOU EDITORA: FORENSE ANO: 1985 PÁGINAS: 228,229 OBRA: HERMENÊUTICA CONSTITUCIONAL E DIREITOS FUNDAMENTAIS AUTOR: GILMAR FERREIRA MENDES, INOCÊNCIO MÁRTIRES COELHO E PAULO GUSTAVO GONET BRANCO EDITORA: BRASÍLIA JURÍDICA ANO: 2002 EDIÇÃO: 1ª PÁGINAS: 127, 128 OBRA: DIREITOS SOCIAIS E CONTROLE JUDICIAL NO BRASIL E NA ALEMANHA AUTOR: ANDREAS JOACHIM KRELL EDITORA: SERGIO ANTONIO FABRIS ANO: 2002 PÁGINAS: 40

Direito Tributário Constitucional

Direito Tributário Constitucional Faculdade de Direito Milton Campos Reconhecida pelo Ministério da Educação Curso de Pós-Graduação Lato Sensu em Direito Tributário Direito Tributário Constitucional Carga Horária: 32 h/a 1- Ementa Repartição

Leia mais

www.lumenjuris.com.br

www.lumenjuris.com.br www.lumenjuris.com.br Grupo de Discussão www.yahoo.com.br Grupos: DIRPREVI Kerlly Huback Programação Noções sobre o Sistema de Previdência Primeira Reforma (EC n 20/98) Segunda Reforma (EC n 41/03) Terceira

Leia mais

Supremo Tribunal Federal

Supremo Tribunal Federal )2( oãdróca atneme756754 RgA-IA Diário da Justiça de 07/12/2006 14/11/2006 PRIMEIRA TURMA AG.REG.NO AGRAVO DE INSTRUMENTO 457.657-6 RIO DE JANEIRO RELATOR AGRAVANTE(S) AGRAVADO(A/S) : MIN. SEPÚLVEDA PERTENCE

Leia mais

Senhora Assessora Técnica:

Senhora Assessora Técnica: Proc. nº 001.033476.05.5 INFORMAÇÃO Nº 0170/2005 - ASSEJUR Senhora Assessora Técnica: Através deste expediente..., matr. 7009.4, aposentado, requer a aplicação das disposições contidas no 21 do art. 40,

Leia mais

ADI, ADC, ADO e ADPF. AÇÃO DIRETA DE INCONSTITUCIONALIDADE (Med. Liminar) - 1946. Brasília, 27 de maio de 2014-18:23

ADI, ADC, ADO e ADPF. AÇÃO DIRETA DE INCONSTITUCIONALIDADE (Med. Liminar) - 1946. Brasília, 27 de maio de 2014-18:23 Brasília, 27 de maio de 2014-18:23 ADI, ADC, ADO e ADPF AÇÃO DIRETA DE INCONSTITUCIONALIDADE (Med. Liminar) - 1946 Origem: DISTRITO FEDERAL Entrada no STF: 21/01/1999 Relator: MINISTRO SYDNEY SANCHES Distribuído:

Leia mais

Senado Federal Subsecretaria de Informações

Senado Federal Subsecretaria de Informações Senado Federal Subsecretaria de Informações Data 19/12/2003 EMENDA CONSTITUCIONAL Nº 41 Modifica os arts. 37, 40, 42, 48, 96, 149 e 201 da Constituição Federal, revoga o inciso IX do 3º do art. 142 da

Leia mais

Processo nº 0068167-75.2015.4.02.5101 (2015.51.01.068167-0) DESPACHO/DECISÃO

Processo nº 0068167-75.2015.4.02.5101 (2015.51.01.068167-0) DESPACHO/DECISÃO Fls 109 CONCLUSÃO Nesta data, faço estes autos conclusos a(o) MM. Sr(a). Dr(a). Juiz(a) da(o) 12ª Vara Federal do Rio de Janeiro. Rio de Janeiro, 30 de junho de 2015. Regina Cely Martins Correia Fonseca

Leia mais

REFORMAS PREVIDENCIÁRIAS

REFORMAS PREVIDENCIÁRIAS REFORMAS PREVIDENCIÁRIAS João Dado Deputado Federal Solidariedade/SP Julho - 2014 Até Junho/98 EC-19/98 Jun EC-20/98 - Dez EC-41/03 EC-47/05 Lei 12.618/12 Estabilidade no Emprego Irredutibilidade Salarial

Leia mais

Faculdades IESGO Direção Acadêmica Coordenação do Curso de Direito

Faculdades IESGO Direção Acadêmica Coordenação do Curso de Direito Instituto de Ensino Superior de Goiás Faculdades IESGO Direção Acadêmica Coordenação do Curso de Direito PLANO DE ENSINO 1. IDENTIFICAÇÃO: CURSO: DIREITO TURMA: 8º SEMESTRE/NOTURNO DISCIPLINA: DIREITO

Leia mais

Supremo Tribunal Federal

Supremo Tribunal Federal RECURSO EXTRAORDINÁRIO 747.706 SANTA CATARINA RELATORA RECTE.(S) ADV.(A/S) RECDO.(A/S) PROC.(A/S)(ES) : MIN. CÁRMEN LÚCIA :VIGANDO SCHULZ : VITÓRIO ALTAIR LAZZARIS E OUTRO(A/S) :INSTITUTO NACIONAL DE SEGURO

Leia mais

CICLOS DE DEBATES DIREITO E GESTÃO PÚBLICA TEXTO X

CICLOS DE DEBATES DIREITO E GESTÃO PÚBLICA TEXTO X CICLOS DE DEBATES DIREITO E GESTÃO PÚBLICA CICLO 2012 TEXTO X A Previdência Social do Servidor Público Valéria Porto Ciclos de Debates - Direito e Gestão Pública A Previdência Social do Servidor Público

Leia mais

CONTRIBUIÇÕES ESPECIAIS OU PARAFISCAIS (Art.149 c/c 195, CF)

CONTRIBUIÇÕES ESPECIAIS OU PARAFISCAIS (Art.149 c/c 195, CF) CONTRIBUIÇÕES ESPECIAIS OU PARAFISCAIS (Art.149 c/c 195, CF) Prof. Alberto Alves www.editoraferreira.com.br O art. 149, caput, da Lei Maior prescreve a possibilidade de a União instituir Contribuições

Leia mais

APOSENTADORIA ESPECIAL DO SERVIDOR PÚBLICO

APOSENTADORIA ESPECIAL DO SERVIDOR PÚBLICO Direito Previdenciário APOSENTADORIA ESPECIAL DO SERVIDOR PÚBLICO Rafael Gabarra www.gabarra.adv.br ROTEIRO I. RGPS x RPPS II. Aposentadoria Especial III. Servidor Público - RPPS IV. Omissão MI s Súmula

Leia mais

IMPOSTO SOBRE A RENDA

IMPOSTO SOBRE A RENDA IMPOSTO SOBRE A RENDA CAIO AUGUSTO TAKANO MESTRANDO EM DIREITO ECONÔMICO, FINANCEIRO E TRIBUTÁRIO USP ESPECIALISTA EM DIREITO TRIBUTÁRIO IBET PROFESSOR-ASSISTENTE DO CURSO DE ESPECIALIZAÇÃO DO IBDT TRIBUTAÇÃO

Leia mais

Trataremos nesta aula das contribuições destinadas ao custeio da seguridade social

Trataremos nesta aula das contribuições destinadas ao custeio da seguridade social 1.4.7.3. Contribuições do art.195 CF Trataremos nesta aula das contribuições destinadas ao custeio da seguridade social (previdência, saúde e assistência social), espécies de contribuições sociais, como

Leia mais

APELAÇÃO CÍVEL nº 442358/RN (2007.84.00.006636-6)

APELAÇÃO CÍVEL nº 442358/RN (2007.84.00.006636-6) APTE REPTE APDO ADV/PROC ORIGEM RELATORA : INSS - INSTITUTO NACIONAL DO SEGURO SOCIAL : PROCURADORIA REPRESENTANTE DA ENTIDADE : ALLIETE BEZERRA DE MEDEIROS ARAUJO e outro : ASTÉRIO ALVES DE ARAÚJO FILHO

Leia mais

APOSENTADORIA E O PCCTAE

APOSENTADORIA E O PCCTAE APOSENTADORIA E O PCCTAE Advogado Flavio Ramos Wagner Advogados Associados www.wagner.adv.br Área de atuação: Servidores Públicos Federais Estrutura: Santa Maria, Brasília e Macapá. Presença em 19 cidades

Leia mais

REQUERENTE : CONSELHO SUPERIOR DA JUSTIÇA DO TRABALHO JOSÉ PEDRO DE CAMARGO RODRIGUES DE SOUZA

REQUERENTE : CONSELHO SUPERIOR DA JUSTIÇA DO TRABALHO JOSÉ PEDRO DE CAMARGO RODRIGUES DE SOUZA PEDIDO DE PROVIDÊNCIAS Nº 0005125-61.2009.2.00.0000 RELATOR : Conselheiro MARCELO NEVES REQUERENTE : CONSELHO SUPERIOR DA JUSTIÇA DO TRABALHO INTERESSADO JOSÉ PEDRO DE CAMARGO RODRIGUES DE SOUZA REQUERIDO

Leia mais

Presidência da República Casa Civil Subchefia para Assuntos Jurídicos

Presidência da República Casa Civil Subchefia para Assuntos Jurídicos Presidência da República Casa Civil Subchefia para Assuntos Jurídicos CONSTITUIÇÃO DA REPÚBLICA FEDERATIVA DO BRASIL DE 1988 Emendas Constitucionais Emendas Constitucionais de Revisão Ato das Disposições

Leia mais

Supremo Tribunal Federal

Supremo Tribunal Federal Diário da Justiça de 05/05/2006 28/03/2006 SEGUNDA TURMA RELATOR : MIN. EROS GRAU AGRAVANTE(S) : SINDICATO DOS TRABALHADORES EM HOTÉIS, APART-HOTÉIS, MOTÉIS, FLATS, PENSÕES, HOSPEDARIAS, POUSADAS, RESTAURANTES,

Leia mais

Supremo Tribunal Federal

Supremo Tribunal Federal )1( oãdróca atneme97404 RgA-ER Diário da Justiça de 06/11/2006 10/10/2006 SEGUNDA TURMA RELATOR : MIN. CEZAR PELUSO AGRAVANTE(S) : AXA SEGUROS BRASIL S/A ADVOGADO(A/S) : FRANCISCO CARLOS ROSAS GIARDINA

Leia mais

QUADRO COMPARATIVO DA LEGISLAÇÃO PREVIDENCIÁRIA

QUADRO COMPARATIVO DA LEGISLAÇÃO PREVIDENCIÁRIA ESTUDO ESTUDO QUADRO COMPARATIVO DA LEGISLAÇÃO PREVIDENCIÁRIA Cláudia Augusta Ferreira Deud Consultora Legislativa da Área XXI Previdência e Direito Previdenciário ESTUDO ABRIL/2007 Câmara dos Deputados

Leia mais

COLEGIADO DO CURSO DE DIREITO Reconhecimento renovado pela portaria MEC nº 608 de 19.11.13, DOU de 20.11.13 PLANO DE CURSO

COLEGIADO DO CURSO DE DIREITO Reconhecimento renovado pela portaria MEC nº 608 de 19.11.13, DOU de 20.11.13 PLANO DE CURSO COLEGIADO DO CURSO DE DIREITO Reconhecimento renovado pela portaria MEC nº 608 de 19.11.13, DOU de 20.11.13 Componente Curricular: Direito Tributário I Código: DIR -569 Pré-requisito: ------ Período Letivo:

Leia mais

Poder Judiciário JUSTIÇA FEDERAL Seção Judiciária do Paraná 1ª TURMA RECURSAL JUÍZO A

Poder Judiciário JUSTIÇA FEDERAL Seção Judiciária do Paraná 1ª TURMA RECURSAL JUÍZO A JUIZADO ESPECIAL (PROCESSO ELETRÔNICO) Nº200970500082370/PR RELATOR : Juíza Federal Ana Beatriz Vieira da Luz Palumbo RECORRENTE : EDSON CORREIA DE ALCARAZ RECORRIDO : UNIÃO FEDERAL VOTO Trata-se de recurso

Leia mais

ARTIGO: O direito à saúde e a judicialização da política

ARTIGO: O direito à saúde e a judicialização da política ARTIGO: O direito à saúde e a judicialização da política Carlos Roberto Pegoretti Júnior 1 RESUMO: Os entes políticos, por vezes, encontram-se no pólo passivo de demandas judiciais referentes à entrega

Leia mais

Supremo Tribunal Federal

Supremo Tribunal Federal MANDADO DE SEGURANÇA 32.833 DISTRITO FEDERAL RELATOR IMPTE.(S) ADV.(A/S) IMPDO.(A/S) ADV.(A/S) : MIN. ROBERTO BARROSO :CARLOS RODRIGUES COSTA :LUZIA DO CARMO SOUZA :PRESIDENTE DO TRIBUNAL DE CONTAS DA

Leia mais

1ª REGRA APOSENTADORIA POR IDADE E TEMPO DE CONTRIBUIÇÃO

1ª REGRA APOSENTADORIA POR IDADE E TEMPO DE CONTRIBUIÇÃO 5.1.1.Aposentadoria As informações aqui explicitam de forma objetiva os benefícios previdenciários dos RPPS Regimes Próprios de Previdência Social, em especial os do IPMB Instituto de Previdência do Município

Leia mais

1 Juiz do Trabalho, titular da 11ª Vara do Trabalho de Belo Horizonte.

1 Juiz do Trabalho, titular da 11ª Vara do Trabalho de Belo Horizonte. A contratação de servidores por prazo determinado para atender necessidade temporária de excepcional interesse público e a competência da Justiça do Trabalho. Cleber Lúcio de Almeida 1 I. Constitui objeto

Leia mais

Brasília, 28 de abril de 2014. NOTA JURÍDICA

Brasília, 28 de abril de 2014. NOTA JURÍDICA Brasília, 28 de abril de 2014. NOTA JURÍDICA Assunto: Manutenção do regime previdenciário anterior à previdência complementar pelos novos servidores federais que ingressaram no serviço público de outras

Leia mais

RESUMO. 1ª) a lei foi criada em desacordo com a Constituição Federal e, por tal motivo, não possui fundamento de validade.

RESUMO. 1ª) a lei foi criada em desacordo com a Constituição Federal e, por tal motivo, não possui fundamento de validade. RESUMO PIS/COFINS 1) Histórico. - Dispõe o art. 149, CF que a União poderá criar contribuições sociais, contribuições de intervenção no domínio econômico e contribuições das categorias e serão contribuições

Leia mais

Maratona Fiscal ISS Direito tributário

Maratona Fiscal ISS Direito tributário Maratona Fiscal ISS Direito tributário 1. São tributos de competência municipal: (A) imposto sobre a transmissão causa mortis de bens imóveis, imposto sobre a prestação de serviço de comunicação e imposto

Leia mais

APOSENTADORIA ESPECIAL DO POLICIAL CIVIL

APOSENTADORIA ESPECIAL DO POLICIAL CIVIL APOSENTADORIA ESPECIAL DO POLICIAL CIVIL José Heitor dos Santos Promotor de Justiça/SP Silvio Carlos Alves dos Santos Advogado/SP A Lei Complementar Paulista nº. 1.062/08, que disciplina a aposentadoria

Leia mais

BRUNO PENA & ADVOGADOS ASSOCIADOS S/S

BRUNO PENA & ADVOGADOS ASSOCIADOS S/S PARECER Interessado: Sindicato dos Policiais Civis do Estado de Goiás - SINPOL. SERVIDOR PÚBLICO. INGRESSO EM 2004. APOSENTADORIA. PARIDADE. INTEGRALIDADE DE PROVENTOS. RELATÓRIO Trata-se de consulta feita

Leia mais

EXCELENTÍSSIMO SENHOR PRESIDENTE DO TRIBUNAL DE JUSTIÇA DO ESTADO DO PARANÁ.

EXCELENTÍSSIMO SENHOR PRESIDENTE DO TRIBUNAL DE JUSTIÇA DO ESTADO DO PARANÁ. EXCELENTÍSSIMO SENHOR PRESIDENTE DO TRIBUNAL DE JUSTIÇA DO ESTADO DO PARANÁ. Assunto: Desconto da Contribuição Sindical previsto no artigo 8º da Constituição Federal, um dia de trabalho em março de 2015.

Leia mais

O regime complementar do servidor público

O regime complementar do servidor público O regime complementar do servidor público Leandro Madureira* RESUMO: O servidor que ingressou ou venha a ingressar no serviço publico a partir de 4 de fevereiro de 2013 tem a aposentadoria limitada ao

Leia mais

PROJETO DE LEI Nº, DE 2014

PROJETO DE LEI Nº, DE 2014 PROJETO DE LEI Nº, DE 2014 (Da Sra. Flávia Morais) Altera o art. 20 da Lei nº 8.742, de 7 de dezembro de 1993 Lei Orgânica da Assistência Social, e o art. 34 da Lei nº 10.741, de 1º de outubro de 2003

Leia mais

marcelo ávila a d v o g a d o s

marcelo ávila a d v o g a d o s APOSENTADORIA ESPECIAL DO SERVIDOR PÚBLICO EXPOSTO A AGENTES NOCIVOS INSALUBRIDADE e PERICULOSIDADE 1 Pretende este estudo demonstrar de forma cabal a plena plausibilidade jurídica da aposentadoria especial

Leia mais

N o 8683/2014-AsJConst/SAJ/PGR

N o 8683/2014-AsJConst/SAJ/PGR N o 8683/2014-AsJConst/SAJ/PGR Relator: Ministro Marco Aurélio Requerente: Procurador-Geral da República Interessados: Governador do Estado de Sergipe Assembleia Legislativa do Estado de Sergipe O PROCURADOR-GERAL

Leia mais

Conselho Nacional de Justiça

Conselho Nacional de Justiça Conselho Nacional de Justiça Autos: PEDIDO DE PROVIDÊNCIAS - 0006845-87.2014.2.00.0000 Requerente: ASSOCIAÇÃO DOS MAGISTRADOS BRASILEIROS - AMB Requerido: CONSELHO NACIONAL DE JUSTIÇA - CNJ Ementa: PEDIDO

Leia mais

marcelo ávila a d v o g a d o s

marcelo ávila a d v o g a d o s ABONO PERMANÊNCIA DO SERVIDOR PÚBLICO 1 Ementa: Foi instituído pela Emenda Constitucional 41/2003, e corresponde ao valor da contribuição previdenciária mensal do servidor que o requerer, desde que tenha

Leia mais

NATUREZA JURÍDICA DAS ENTIDADES GESTORAS DO REGIME DE PREVIDÊNCIA COMPLEMENTAR PARA OS SERVIDORES PÚBLICOS FEDERAIS

NATUREZA JURÍDICA DAS ENTIDADES GESTORAS DO REGIME DE PREVIDÊNCIA COMPLEMENTAR PARA OS SERVIDORES PÚBLICOS FEDERAIS ESTUDO NATUREZA JURÍDICA DAS ENTIDADES GESTORAS DO REGIME DE PREVIDÊNCIA COMPLEMENTAR PARA OS SERVIDORES PÚBLICOS FEDERAIS Leonardo Costa Schüler Consultor Legislativo da Área VIII Administração Pública

Leia mais

Comentário a Acórdão do Supremo Tribunal Federal sobre o princípio da Inafastabilidade da Prestação Jurisdicional

Comentário a Acórdão do Supremo Tribunal Federal sobre o princípio da Inafastabilidade da Prestação Jurisdicional Comentário a Acórdão do Supremo Tribunal Federal sobre o princípio da Inafastabilidade da Prestação Jurisdicional Universidade de Brasília Disciplina: Teoria Geral do Processo II Professor: Dr. Vallisney

Leia mais

Supremo Tribunal Federal

Supremo Tribunal Federal )1( oãdróca atneme86242 DE-SM Diário da Justiça de 09/06/2006 03/05/2006 TRIBUNAL PLENO RELATOR : MIN. GILMAR MENDES EMBARGANTE(S) : UNIÃO ADVOGADO(A/S) : ADVOGADO-GERAL DA UNIÃO EMBARGADO(A/S) : FERNANDA

Leia mais

RESOLUÇÃO Nº. 260/2008 TCE 2ª CÂMARA

RESOLUÇÃO Nº. 260/2008 TCE 2ª CÂMARA RESOLUÇÃO Nº. 260/2008 TCE 2ª CÂMARA 1. Processo Nº: 00709/2007 2. Classe de Assunto: IV Aposentadoria 3. Interessado: Tercina Dias de Carvalho Secretaria da Educação e Cultura 4. Entidade: Instituto de

Leia mais

Direito Tributário Nacional: Princípios Constitucionais Tributários. Fontes do Direito

Direito Tributário Nacional: Princípios Constitucionais Tributários. Fontes do Direito PLANO DE ENSINO 1. DADOS DE IDENTIFICAÇÃO Instituição: Universidade Alto Vale do Rio do Peixe Curso: Direito Professor: Leandro Chiarello de Souza E-MAIL: leandrosouza@conection.com.br Período/ Fase: 5ª

Leia mais

DIREITO TRIBUTÁRIO: TRIBUTAÇÃO, GESTÃO ORÇAMENTÁRIA E FISCALIZAÇÃO. Professora responsável: Profª. Dra. Nélida Cristina dos Santos

DIREITO TRIBUTÁRIO: TRIBUTAÇÃO, GESTÃO ORÇAMENTÁRIA E FISCALIZAÇÃO. Professora responsável: Profª. Dra. Nélida Cristina dos Santos DIREITO TRIBUTÁRIO: TRIBUTAÇÃO, GESTÃO ORÇAMENTÁRIA E FISCALIZAÇÃO Professora responsável: Profª. Dra. Nélida Cristina dos Santos Carga Horária: 52 horas Ementa: O fenômeno da tributação é das mais relevantes

Leia mais

2. OBJETIVO GERAL Estudo e compreensão dos Direitos Fundamentais a partir de uma Teoria Geral da efetividade dos Direitos Humanos.

2. OBJETIVO GERAL Estudo e compreensão dos Direitos Fundamentais a partir de uma Teoria Geral da efetividade dos Direitos Humanos. DISCIPLINA: Direitos Fundamentais CH Total: 72h SEMESTRE DE ESTUDO: 3º Semestre TURNO: Matutino / Noturno CÓDIGO: DIR117 1. EMENTA: Teoria dos Direitos Fundamentais. Conceito de Direitos Fundamentais.

Leia mais

ARTIGO: Efeitos (subjetivos e objetivos) do controle de

ARTIGO: Efeitos (subjetivos e objetivos) do controle de ARTIGO: Efeitos (subjetivos e objetivos) do controle de constitucionalidade Luís Fernando de Souza Pastana 1 RESUMO: há diversas modalidades de controle de constitucionalidade previstas no direito brasileiro.

Leia mais

CONTRIBUIÇÕES SOCIAIS DO EMPREGADO A LUZ DAS NORMAS DO REGIMENTO GERAL DE PREVIDÊNCIA SOCIAL RGPS

CONTRIBUIÇÕES SOCIAIS DO EMPREGADO A LUZ DAS NORMAS DO REGIMENTO GERAL DE PREVIDÊNCIA SOCIAL RGPS CONTRIBUIÇÕES SOCIAIS DO EMPREGADO A LUZ DAS NORMAS DO REGIMENTO GERAL DE PREVIDÊNCIA SOCIAL RGPS Ricardo Benevenuti Santolini 1 Resumo: A norma jurídica possui como princípio basilar regulamentar a conduta

Leia mais

tributo e suas espécies

tributo e suas espécies CAPÍTULO I Direito Tributário, tributo e suas espécies Sumário 1. Breve introdução ao Direito Tributário 2. Tributo 3. Espécies tributárias: 3.1. Impostos; 3.2. Taxas; 3.3. Contribuição de melhoria; 3.4.

Leia mais

Supremo Tribunal Federal

Supremo Tribunal Federal Decisão sobre Repercussão Geral Inteiro Teor do Acórdão - Página 1 de 9 19/09/2013 PLENÁRIO REPERCUSSÃO GERAL NO RECURSO EXTRAORDINÁRIO 759.244 SÃO PAULO RELATOR RECTE.(S) ADV.(A/S) RECDO.(A/S) PROC.(A/S)(ES)

Leia mais

VOTO PROCESSO TC 2257/2013 PROTOCOLO TC 2013/128970

VOTO PROCESSO TC 2257/2013 PROTOCOLO TC 2013/128970 VOTO PROCESSO TC 2257/2013 PROTOCOLO TC 2013/128970 Considerando que a Lei Estadual n 6.417, de 26 de maio de 2008, com vigência retroativa a 1 de maio de 2008, dispõe sobre a revisão geral anual dos servidores

Leia mais

RESUMIDAMENTE ESTAS SÃO AS DIFERENÇAS BÁSICAS ENTRE A CLASSIFICAÇÃO DOS TRIBUTOS:

RESUMIDAMENTE ESTAS SÃO AS DIFERENÇAS BÁSICAS ENTRE A CLASSIFICAÇÃO DOS TRIBUTOS: DIFERENÇAS BÁSICAS ENTRE A CLASSIFICAÇÃO DOS TRIBUTOS Não existe posicionamento formal de nosso Supremo Tribunal Federal acerca da quantidade de espécies tributárias vigentes hoje em dia, alguns autores

Leia mais

A PREVIDÊNCIA NO SERVIÇO PÚBLICO

A PREVIDÊNCIA NO SERVIÇO PÚBLICO MPS Ministério da Previdência Social SPS Secretaria de Previdência Social A PREVIDÊNCIA NO SERVIÇO PÚBLICO SALVADOR-BA, 17 DE JULHO DE 2004 PREVIDÊNCIA NO SERVIÇO PÚBLICO RPPS INSTITUÍDOS NO BRASIL Possibilidade

Leia mais

APOSENTADORIA INTEGRAL X INTEGRALIDADE

APOSENTADORIA INTEGRAL X INTEGRALIDADE APOSENTADORIA INTEGRAL X INTEGRALIDADE Alex Sandro Lial Sertão Assessor Jurídico TCE/PI alex.sertao@tce.pi.gov.br Até o advento da EC nº 41/03, era direito do servidor público aposentar-se com base na

Leia mais

COMUNICADO. Fonte de Consulta. BARROSO, Luís Roberto. Curso de direito constitucional contemporâneo. 2ª edição. São Paulo: Saraiva, 2010.

COMUNICADO. Fonte de Consulta. BARROSO, Luís Roberto. Curso de direito constitucional contemporâneo. 2ª edição. São Paulo: Saraiva, 2010. ASSEMBLEIA LEGISLATIVA DO ESPÍRITO SANTO CONCURSO PÚBLICO PARA PROVIMENTO DE VAGAS E FORMAÇÃO DE CADASTRO DE RESERVA EM CARGOS DE NÍVEL SUPERIOR E DE NÍVEL MÉDIO COMUNICADO A MESA DA ASSEMBLEIA LEGISLATIVA

Leia mais

CONSULTA N. 809.491 EMENTA:

CONSULTA N. 809.491 EMENTA: Utilização do saldo positivo da reserva do regime próprio de previdência social para abertura de créditos adicionais suplementares. Arquivamento de notas de empenho pela administração pública CONSULTA

Leia mais

Sumário Capítulo I Teoria das contribuições Andrei Pitten Velloso

Sumário Capítulo I Teoria das contribuições Andrei Pitten Velloso Sumário Capítulo I Teoria das contribuições 1. As contribuições no direito comparado 13 1.1. Itália 13 1.2. Espanha 15 1.3. Alemanha 15 1.4. Portugal 17 1.5. França 18 2. As contribuições no Brasil 19

Leia mais

NOTA JURÍDICA N.º 001/2006 Cuiabá/MT, 04 de abril de 2006.

NOTA JURÍDICA N.º 001/2006 Cuiabá/MT, 04 de abril de 2006. NOTA JURÍDICA N.º 001/2006 Cuiabá/MT, 04 de abril de 2006. A MÉDIA ARITMÉTICA SIMPLES E O CÁLCULO DOS PROVENTOS DE APOSENTADORIA DOS SERVIDORES PÚBLICOS FACE A EMENDA CONSTITUCIONAL N.º 41, DE 2003 1.

Leia mais

Superior Tribunal de Justiça

Superior Tribunal de Justiça RECURSO EM MANDADO DE SEGURANÇA Nº 32.453 - MT (2010/0118311-2) RELATOR : MINISTRO HERMAN BENJAMIN RECORRENTE : VIVO S/A ADVOGADO : SACHA CALMON NAVARRO COELHO RECORRIDO : ESTADO DE MATO GROSSO PROCURADOR

Leia mais

SÚMULAS VÍNCULANTES DO SUPREMO TRIBUNAL FEDERAL SÚMULA Nº 01 SÚMULA Nº 02 SÚMULA Nº 03

SÚMULAS VÍNCULANTES DO SUPREMO TRIBUNAL FEDERAL SÚMULA Nº 01 SÚMULA Nº 02 SÚMULA Nº 03 SÚMULAS VÍNCULANTES DO SUPREMO TRIBUNAL FEDERAL SÚMULA Nº 01 Ofende a garantia constitucional do ato jurídico perfeito a decisão que, sem ponderar as circunstâncias do caso concreto, desconsidera a validez

Leia mais

FACULDADE DE DIREITO MILTON CAMPOS Curso de Pós-Graduação Lato Sensu em Regime Jurídico dos Recursos Minerais

FACULDADE DE DIREITO MILTON CAMPOS Curso de Pós-Graduação Lato Sensu em Regime Jurídico dos Recursos Minerais FACULDADE DE DIREITO MILTON CAMPOS Curso de Pós-Graduação Lato Sensu em Regime Jurídico dos Recursos Minerais Tópicos em Direito Constitucional Carga Horária: 28 h/a 1 - Ementa Poder Constituinte e a Constituição

Leia mais

Tribunal de Contas do Estado de Mato Grosso do Sul GAB. CONS. MARISA JOAQUINA MONTEIRO SERRANO

Tribunal de Contas do Estado de Mato Grosso do Sul GAB. CONS. MARISA JOAQUINA MONTEIRO SERRANO RELATÓRIO VOTO : REV-G.MJMS-1196/2015 PROCESSO TC/MS : TC/116662/2012 PROTOCOLO : 2012 ÓRGÃO : INSTITUTO MUNICIPAL DE PREVIDÊNCIA SOCIAL DE ROCHEDO ASSUNTO DO PROCESSO : CONSULTA RELATOR : CONS. JERSON

Leia mais

: MIN. ROBERTO BARROSO TRABALHO DA 11ª REGIÃO - AMAZONAS E RORAIMA - SITRAAM

: MIN. ROBERTO BARROSO TRABALHO DA 11ª REGIÃO - AMAZONAS E RORAIMA - SITRAAM MANDADO DE INJUNÇÃO 3.750 DISTRITO FEDERAL RELATOR IMPTE.(S) ADV.(A/S) ADV.(A/S) : MIN. ROBERTO BARROSO :SINDICATO DOS SERVIDORES DA JUSTIÇA DO TRABALHO DA 11ª REGIÃO - AMAZONAS E RORAIMA - SITRAAM : JANNE

Leia mais

NOTA INFORMATIVA Nº 1.385, DE 2015

NOTA INFORMATIVA Nº 1.385, DE 2015 Consultoria Legislativa NOTA INFORMATIVA Nº 1.385, DE 2015 Relativa à STC nº 2015-03673, do Senador Ricardo Ferraço, que solicita a análise sobre a legislação federal e estadual, acerca da possibilidade

Leia mais

Renovação de Reconhecimento CEE/GP 266/06 de 13 de julho de 2006 - D.O.E. 14/07/2006 Autarquia Municipal DEPARTAMENTO DE DIREITO DO ESTADO 2015

Renovação de Reconhecimento CEE/GP 266/06 de 13 de julho de 2006 - D.O.E. 14/07/2006 Autarquia Municipal DEPARTAMENTO DE DIREITO DO ESTADO 2015 DE DIREITO DO ESTADO 2015 EMENTA O Direito Constitucional é a referência axiológica para a aplicação de todos os ramos do Direito. Nesse sentido, este curso de Prática Jurídica Constitucional possibilita

Leia mais

Supremo Tribunal Federal

Supremo Tribunal Federal Diário da Justiça de 04/08/2006 13/06/2006 SEGUNDA TURMA RELATOR : MIN. EROS GRAU AGRAVANTE(S) : MUNICÍPIO DE BELO HORIZONTE ADVOGADO(A/S) : DAYSE MARIA ANDRADE ALENCAR AGRAVADO(A/S) : INSTITUTO DE PREVIDÊNCIA

Leia mais

2. O que a Funpresp Exe traz de modernização para o sistema previdenciário do Brasil?

2. O que a Funpresp Exe traz de modernização para o sistema previdenciário do Brasil? Perguntas Frequentes 1. O que é a Funpresp Exe? É a Fundação de Previdência Complementar do Servidor Público Federal do Poder Executivo, criada pelo Decreto nº 7.808/2012, com a finalidade de administrar

Leia mais

Supremo Tribunal Federal

Supremo Tribunal Federal Ementa e Acórdão DJe 19/06/2012 Inteiro Teor do Acórdão - Página 1 de 8 29/05/2012 SEGUNDA TURMA RECURSO EXTRAORDINÁRIO 423.560 MINAS GERAIS RELATOR : MIN. JOAQUIM BARBOSA RECTE.(S) :CÂMARA MUNICIPAL DE

Leia mais

SEÇÃO JUDICIÁRIA DO ESTADO DE SÃO PAULO PUBLICAÇÕES JUDICIAIS I - INTERIOR SP E MS SUBSEÇÃO JUDICIÁRIA DE SAO CARLOS 2ª VARA DE SÃO CARLOS

SEÇÃO JUDICIÁRIA DO ESTADO DE SÃO PAULO PUBLICAÇÕES JUDICIAIS I - INTERIOR SP E MS SUBSEÇÃO JUDICIÁRIA DE SAO CARLOS 2ª VARA DE SÃO CARLOS SEÇÃO JUDICIÁRIA DO ESTADO DE SÃO PAULO PUBLICAÇÕES JUDICIAIS I - INTERIOR SP E MS SUBSEÇÃO JUDICIÁRIA DE SAO CARLOS 2ª VARA DE SÃO CARLOS Processo nº 0001312-86.2014.403.6115 RCO IND., COM., EXPORT. E

Leia mais

PROPOSTA DE EMENDA À CONSTITUIÇÃO Nº 22, DE 2007

PROPOSTA DE EMENDA À CONSTITUIÇÃO Nº 22, DE 2007 PROPOSTA DE EMENDA À CONSTITUIÇÃO Nº 22, DE 2007 Estabelece normas para o reajuste das aposentadorias e pensões concedidas no âmbito dos regimes próprios de previdência social destinados aos servidores

Leia mais

1. DEFINIÇÕES NA DOUTRINA.

1. DEFINIÇÕES NA DOUTRINA. 1. DEFINIÇÕES NA DOUTRINA. CARGO: São as mais simples e indivisíveis unidades de competência a serem expressadas por um agente, previstas em número certo, com denominação própria (...) Celso A. Bandeira

Leia mais

Superintendência Regional da Receita Federal do Brasil da 1ª RF

Superintendência Regional da Receita Federal do Brasil da 1ª RF Fls. 1 Superintendência Regional da Receita Federal do Brasil da 1ª RF Solução de Consulta Interna nº 1 Data 15 de junho de 2012 Origem DIFIS/SRRF01 (e processo nº 10166.725012/2012 53) Assunto: Contribuições

Leia mais

Controle de Constitucionalidade de normas pré-constitucionais

Controle de Constitucionalidade de normas pré-constitucionais Controle de Constitucionalidade de normas pré-constitucionais O Supremo Tribunal Federal possui o poder de decidir sobre a constitucionalidade das normas jurídicas que foram aprovadas antes da entrada

Leia mais

DECISÃO. Relatório. Tem-se do voto condutor do julgado recorrido:

DECISÃO. Relatório. Tem-se do voto condutor do julgado recorrido: DECISÃO RECURSO EXTRAORDINÁRIO. CONSTITUCIONAL. DESAPROPRIAÇÃO POR INTERESSE SOCIAL PARA FINS DE REFORMA AGRÁRIA. CLASSIFICAÇÃO DA PROPRIEDADE RURAL. INCLUSÃO DE ÁREAS NÃO APROVEITÁVEIS. PRECEDENTE DO

Leia mais

Faculdade de Direito Milton Campos Reconhecida pelo Ministério da Educação Curso de Pós-Graduação Lato Sensu em Direito Tributário.

Faculdade de Direito Milton Campos Reconhecida pelo Ministério da Educação Curso de Pós-Graduação Lato Sensu em Direito Tributário. Faculdade de Direito Milton Campos Reconhecida pelo Ministério da Educação Curso de Pós-Graduação Lato Sensu em Direito Tributário Tributos Federais Carga Horária: 56 h/a 1- Ementa Repartição de competência

Leia mais

RELATÓRIO. TRF/fls. E:\acordaos\200381000251972_20080211.doc

RELATÓRIO. TRF/fls. E:\acordaos\200381000251972_20080211.doc *AMS 99.905-CE (2003.81.00.025197-2) APTE: INSS-INSTITUTO NACIONAL DO SEGURO SOCIAL ADV/PROC: PROCURADORIA REPRESENTANTE DA ENTIDADE APDO: LAR ANTÔNIO DE PÁDUA ADV/PROC: LEONARDO AZEVEDO PINHEIRO BORGES

Leia mais

AULA 02 ROTEIRO CONSTITUIÇÃO FEDERAL ART. 5º; 37-41; 205 214; 227 229 LEI 8.069 DE 13/07/1990 ESTATUTO DA CRIANÇA E DO ADOLESCENTE E C A PARTE 02

AULA 02 ROTEIRO CONSTITUIÇÃO FEDERAL ART. 5º; 37-41; 205 214; 227 229 LEI 8.069 DE 13/07/1990 ESTATUTO DA CRIANÇA E DO ADOLESCENTE E C A PARTE 02 AULA 02 ROTEIRO CONSTITUIÇÃO FEDERAL ART. 5º; 37-41; 205 214; 227 229 LEI 8.069 DE 13/07/1990 ESTATUTO DA CRIANÇA E DO ADOLESCENTE E C A PARTE 02 CAPÍTULO VII DA ADMINISTRAÇÃO PÚBLICA SEÇÃO I DISPOSIÇÕES

Leia mais

REGRAS DE APOSENTADORIA DO REGIME PRÓPRIO DE PREVIDÊNCIA SOCIAL - RPPS

REGRAS DE APOSENTADORIA DO REGIME PRÓPRIO DE PREVIDÊNCIA SOCIAL - RPPS REGRAS DE APOSENTADORIA DO REGIME PRÓPRIO DE PREVIDÊNCIA SOCIAL - RPPS INTRODUÇÃO Como o objetivo de facilitar o entendimento da matéria relacionada à reforma previdenciária, teceremos alguns comentários

Leia mais

12/05/2015 SEGUNDA TURMA : MIN. DIAS TOFFOLI EMENTA

12/05/2015 SEGUNDA TURMA : MIN. DIAS TOFFOLI EMENTA Ementa e Acórdão Inteiro Teor do Acórdão - Página 1 de 10 12/05/2015 SEGUNDA TURMA AG.REG. NO RECURSO EXTRAORDINÁRIO 784.025 PARANÁ RELATOR AGTE.(S) ADV.(A/S) AGDO.(A/S) PROC.(A/S)(ES) : MIN. DIAS TOFFOLI

Leia mais

BRUNO PENA & ADVOGADOS ASSOCIADOS S/S

BRUNO PENA & ADVOGADOS ASSOCIADOS S/S PARECER Interessado: Sindicato dos Policiais Civis do Estado de Goiás - SIPOL. SERVIDOR PÚBLICO. INGRESSO EM 2004. APOSENTADORIA. PARIDADE. INTEGRALIDADE DE PROVENTOS. IMPOSSIBILIDADE. RELATÓRIO Trata-se

Leia mais

O REGIME PRÓPRIO DE PREVIDÊNCIA SOCIAL DO MUNICÍPIO DE TAQUARITINGA

O REGIME PRÓPRIO DE PREVIDÊNCIA SOCIAL DO MUNICÍPIO DE TAQUARITINGA O REGIME PRÓPRIO DE PREVIDÊNCIA SOCIAL DO MUNICÍPIO DE TAQUARITINGA 1. INTRODUÇÃO A previdência social no Brasil pode ser divida em dois grandes segmentos, a saber: Regime Geral de Previdência Social (RGPS):

Leia mais

20/04/2005 TRIBUNAL PLENO V O T O. Senhor Presidente, que a requisição de bens e/ou serviços, nos

20/04/2005 TRIBUNAL PLENO V O T O. Senhor Presidente, que a requisição de bens e/ou serviços, nos 20/04/2005 TRIBUNAL PLENO MANDADO DE SEGURANÇA 25.295-2 DISTRITO FEDERAL V O T O O SENHOR MINISTRO CELSO DE MELLO: Ninguém ignora, Senhor Presidente, que a requisição de bens e/ou serviços, nos termos

Leia mais

ESTADO DO CEARÁ PODER JUDICIÁRIO TRIBUNAL DE JUSTIÇA GABINETE DESEMBARGADOR RAIMUNDO NONATO SILVA SANTOS

ESTADO DO CEARÁ PODER JUDICIÁRIO TRIBUNAL DE JUSTIÇA GABINETE DESEMBARGADOR RAIMUNDO NONATO SILVA SANTOS fls. 122 Processo: 0135890-46.2012.8.06.0001 - Apelação Apelante: Sindicato dos Guardas Municipais da Região Metrolitana de Fortaleza - SINDIGUARDAS Apelado: Município de Fortaleza Vistos etc. DECISÃO

Leia mais

O GOVERNADOR DO ESTADO DE MATO GROSSO DO SUL: Faço saber que a Assembléia Legislativa decreta e eu sanciono a seguinte Lei.

O GOVERNADOR DO ESTADO DE MATO GROSSO DO SUL: Faço saber que a Assembléia Legislativa decreta e eu sanciono a seguinte Lei. (*) Os textos contidos nesta base de dados têm caráter meramente informativo. Somente os publicados no Diário Oficial estão aptos à produção de efeitos legais. LEI Nº 3.545, DE 17 DE JULHO DE 2008. Publicada

Leia mais

Superior Tribunal de Justiça

Superior Tribunal de Justiça RELATOR : MINISTRO CASTRO MEIRA ADVOGADO : LUIZ ANTÔNIO MUNIZ MACHADO E OUTRO(S) EMENTA DIREITO SINDICAL. CONTRIBUIÇÃO SINDICAL RURAL. ART. 8º, IV, DA CF/88. COMPETÊNCIA DO SUPREMO TRIBUNAL FEDERAL. PUBLICAÇÃO

Leia mais

1 Dados do Servidor MATRÍCULA SIAPE CPF DATA DE NASCIMENTO TELEFONE RESIDÊNCIAL TELEFONE DO TRABALHO CIDADE ESTADO CEP

1 Dados do Servidor MATRÍCULA SIAPE CPF DATA DE NASCIMENTO TELEFONE RESIDÊNCIAL TELEFONE DO TRABALHO CIDADE ESTADO CEP MINISTÉRIO DE PLANEJAMENTO, ORÇAMENTO E GESTÃO SECRETARIA-EXECUTIVA DEPARTAMENTO DE ÓRGÃOS EXTINTOS SAN Quadra 03 Lote A Ed. Núcleo dos Transportes Sala nº 2237 CEP: 70.040-902 BRASÍLIA DF ESPAÇO RESERVADO

Leia mais

Diante disso, passa-se à análise dos seus argumentos, a despeito da clareza da bibliografia transcrita.

Diante disso, passa-se à análise dos seus argumentos, a despeito da clareza da bibliografia transcrita. RESPOSTA ÀS ALEGAÇÕES DO CANDIDATO Como já dito anteriormente, a questão foi elaborada com base nas lições de Maria Sylvia Di Pietro, bibliografia indicada no edital e que, nessa oportunidade deve ser

Leia mais

O recurso argumenta que a opção D também poderia ser assinalada como correta.

O recurso argumenta que a opção D também poderia ser assinalada como correta. DEFENSORIA PÚBLICA ESTADO DO TOCANTINS CONCURSO PÚBLICO PARA PROVIMENTO DE VAGAS NOS CARGOS DE NÍVEL INTERMEDIÁRIO E NÍVEL SUPERIOR Analista em Gestão Especializado Administração Disciplina: Conhecimentos

Leia mais

A Constituição Federal, em seu art. 5º, LXXVI, confere a gratuidade do registro civil de nascimento aos reconhecidamente pobres.

A Constituição Federal, em seu art. 5º, LXXVI, confere a gratuidade do registro civil de nascimento aos reconhecidamente pobres. PROCEDIMENTO DE CONTROLE ADMINISTRATIVO CONVERTIDO EM PEDIDO DE PROVIDÊNCIAS. REGISTRO DE NASCIMENTO. AVERBAÇÃO DE PATERNIDADE RECONHECIDA VOLUNTARIAMENTE. GRATUIDADE. AUSÊNCIA DE PREVISÃO LEGAL. A Constituição

Leia mais

RACIONALIZAÇÃO E TRANSFORMAÇÃO DE CARGOS (VIABILIDADE JURÍDICA) FASUBRA, 10 de junho de 2010 QUADRO ATUAL Cargos com atribuições desatualizadas; Cargos com denominações distintas para atribuições iguais

Leia mais

Supremo Tribunal Federal

Supremo Tribunal Federal )1( oãdróca atneme496104 RgA-ER Diário da Justiça de 17/11/2006 20/06/2006 PRIMEIRA TURMA AG.REG.NO RECURSO EXTRAORDINÁRIO 401.694-0 RIO GRANDE DO SUL RELATOR : MIN. CARLOS BRITTO AGRAVANTE(S) : ESTADO

Leia mais

UNIDADE: FACULDADE DE DIREITO DISCIPLINAS OBRIGATÓRIAS

UNIDADE: FACULDADE DE DIREITO DISCIPLINAS OBRIGATÓRIAS DISCIPLINAS OBRIGATÓRIAS ÍNDICE Código Disciplina Página DIR 02-07411 Direito Constitucional I 2 DIR 02-07417 Direito Constitucional II 3 DIR 02-00609 Direito Constitucional III 4 DIR 02-00759 Direito

Leia mais

QUEBRA DO SIGILO BANCÁRIO PELO BANCO CENTRAL

QUEBRA DO SIGILO BANCÁRIO PELO BANCO CENTRAL QUEBRA DO SIGILO BANCÁRIO PELO BANCO CENTRAL Kiyoshi Harada * O debate em torno da quebra do sigilo bancário voltou à baila após a manifestação do Procurador-Geral do Banco Central no sentido de que as

Leia mais

Supremo Tribunal Federal

Supremo Tribunal Federal )2( oãdróca atneme702984 DE-ER Diário da Justiça de 10/11/2006 17/10/2006 PRIMEIRA TURMA RELATOR EMBARGANTE(S) EMBARGADO(A/S) : MIN. SEPÚLVEDA PERTENCE : GENIL MACHADO E OUTRO(A/S) : MARCOS ANDRÉ DE ALMEIDA

Leia mais

Comentário à Jurisprudência

Comentário à Jurisprudência Comentário à Jurisprudência OS TRATADOS DE DIREITOS HUMANOS NA JURISPRUDÊNCIA DO STF APÓS A EMENDA CONSTITUCIONAL Nº 45/2004 CÁSSIO HENRIQUE AFONSO DA SILVA Oficial do Ministério Público 1. Introdução

Leia mais

Superior Tribunal de Justiça

Superior Tribunal de Justiça EMBARGOS DE DIVERGÊNCIA EM RESP Nº 956.289 - RS (2009/0072594-0) EMBARGANTE ADVOGADO EMBARGADO : SINDICATO DOS SERVIDORES DO MINISTÉRIO DA FAZENDA NO RIO GRANDE DO SUL - SINDFAZ/RS : LARISSA CHAUL DE CARVALHO

Leia mais

ORDEM DOS ADVOGADOS DO BRASIL VIII EXAME DE ORDEM UNIFICADO

ORDEM DOS ADVOGADOS DO BRASIL VIII EXAME DE ORDEM UNIFICADO PADRÃO DE RESPOSTA - PEÇA PROFISSIONAL Com fundamento na recente Lei n. 1.234, do Estado Y, que exclui as entidades de direito privado da Administração Pública do dever de licitar, o banco X (empresa pública

Leia mais

EDITAL Nº 5, DE 7 DE MARÇO DE 2014 COMISSÃO ESPECIAL FACULDADE DE DIREITO SELEÇÃO DE CANDIDATOS A PROFESSOR SUBSTITUTO

EDITAL Nº 5, DE 7 DE MARÇO DE 2014 COMISSÃO ESPECIAL FACULDADE DE DIREITO SELEÇÃO DE CANDIDATOS A PROFESSOR SUBSTITUTO EDITAL Nº 5, DE 7 DE MARÇO DE 2014 COMISSÃO ESPECIAL FACULDADE DE DIREITO SELEÇÃO DE CANDIDATOS A PROFESSOR SUBSTITUTO A COMISSÃO ESPECIAL DA FACULDADE DE DIREITO FADIR, instituída pela Instrução de Serviço

Leia mais

RPPS X RGPS. Atuário Sergio Aureliano

RPPS X RGPS. Atuário Sergio Aureliano RPPS X RGPS Atuário Sergio Aureliano RPPS PREVIDÊNCIA NO SERVIÇO PÚBLICO E O SISTEMA PREVIDENCIÁRIO BRASILEIRO ANÁLISE COMPARATIVA ENTRE O REGIME GERAL DE PREVIDÊNCIA SOCIAL RGPS e REGIME PRÓPRIO DE PREVIDÊNCIA

Leia mais