Festa do Acolhimento. 1º Ano 2008/2009 Missionários Passionistas

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Festa do Acolhimento. 1º Ano 2008/2009 Missionários Passionistas"

Transcrição

1 Festa do Acolhimento 1º Ano 2008/2009 Missionários Passionistas

2 Introdução à Eucaristia Hoje vamos festejar o acolhimento. Acolher é receber bem, encaminhar, proteger, ajudar. Este ano estamos a acolher os meninos do 1.º ano que vêm à catequese pela primeira vez. Para que eles não se sintam perdidos e desamparados, são acolhidos por toda a comunidade cristã com muita alegria e amor. Com um espírito de abertura ao outro vamos todos acolher estes meninos que hoje se apresentam à comunidade. De pé demos inicio a esta celebração cantando. Introdução à 1.ª Leitura Na primeira leitura, Paulo recorda aos cristãos de todos os tempos e lugares que são o Templo de Deus. Os cristãos são chamados a seguir Jesus no caminho do amor, da partilha, do serviço, da obediência a Deus e da entrega aos irmãos. Escutemos com atenção Leitura da Primeira Epístola do apóstolo São Paulo aos Coríntios Irmãos: Vós sois edifício de Deus. Segundo a graça de Deus que me foi dada, eu, como sábio arquitecto, coloquei o alicerce e outro levanta o edifício. Veja cada um como constrói: ninguém pode colocar outro alicerce além do que está posto, que é Jesus Cristo. Não sabeis que sois templo de Deus e que o Espírito de Deus habita em vós? Se alguém destrói o templo de Deus, Deus o destruirá. Porque o templo de Deus é santo e vós sois esse templo. Palavra do Senhor

3 SALMO RESPONSORIAL Salmo 45 (46) Refrão: Os braços dum rio alegram a cidade de Deus, a morada santa do Altíssimo. Deus é o nosso refúgio e a nossa força, auxílio sempre pronto na adversidade. Por isso nada receamos ainda que a terra vacile e os montes se precipitem no fundo do mar. Os braços dum rio alegram a cidade de Deus, a mais santa das moradas do Altíssimo. Deus está no meio dela e a torna inabalável, Deus a protege desde o romper da aurora. O Senhor dos Exércitos está connosco, o Deus de Jacob é a nossa fortaleza. Vinde e contemplai as obras do Senhor, as maravilhas que realizou na terra.

4 Introdução ao Evangelho No Evangelho Jesus apresenta-se como o Novo Templo, o lugar onde Deus mora. Jesus pretende também mostrar que o Templo de Deus é um lugar de culto e um lugar de respeito e não um lugar de comércio. Escutemos com atenção. Evangelho de Nosso Senhor Jesus Cristo segundo São João Estava próxima a Páscoa dos judeus e Jesus subiu a Jerusalém. Encontrou no templo os vendedores de bois, de ovelhas e de pombas e os cambistas sentados às bancas. Fez então um chicote de cordas e expulsou-os a todos do templo, com as ovelhas e os bois; deitou por terra o dinheiro dos cambistas e derrubou-lhes as mesas; e disse aos que vendiam pombas: «Tirai tudo isto daqui; não façais da casa de meu Pai casa de comércio». Os discípulos recordaram-se do que estava escrito: «Devora-me o zelo pela tua casa». Então os judeus tomaram a palavra e perguntaram-lhe: «Que sinal nos dás de que podes proceder deste modo?». Jesus respondeu-lhes: «Destruí este templo e em três dias o levantarei». Disseram os judeus: «Foram precisos quarenta e seis anos para construir este templo e Tu vais levantá-lo em três dias?». Jesus, porém, falava do templo do seu Corpo. Por isso, quando Ele ressuscitou dos mortos, os discípulos lembraram-se do que tinha dito e acreditaram na Escritura e na palavra de Jesus. Palavra da Salvação

5 Compromissos: Presidente faz as perguntas do compromisso e todos os pais respondem Presidente O que pedis à Igreja para os vossos filhos? Pais A catequese. Presidente Porque pedis a catequese para os vossos filhos? Pais Porque os queremos educar na fé cristã. Presidente Ao pedires a catequese para os vossos filhos estais dispostos a assumir o compromisso dos principais educadores da fé? Pais Sim, estamos. Presidente Estais dispostos a participar na vida da comunidade, para, em conjunto, realizarmos esta missão? Pais Sim, estamos. Catequistas: Nós catequistas assumimos o nosso compromisso com Deus, com a Igreja de Jesus Cristo e com a Nossa Comunidade. Queremos ser como a chuva em terra seca, para saciar e fazer brotar a semente que é a palavra de Deus. Semearemos com entusiasmo uma catequese vivencial e transformadora para os nossos catequizandos. Que o Senhor da vida nos dê força e coragem e faça de nós terra boa onde a sua palavra seja semente que dê muito fruto. Compromisso dos pais: Neste dia queremos de um modo especial assumir o compromisso, perante todos e perante Deus, de ajudar os nossos filhos nesta caminhada para que cresça neles a semente da fé que receberam no Baptismo. Ajudai-nos Senhor na nossa missão.

6 Oração dos Fieis 1. Por todas as famílias para que com paz e amor consigam educar os seus filhos na fé cristã. Oremos irmãos. 2. Pelas nossas crianças para que ao longo de mais um ano de catequese, possam aprender mais um pouco da vida de Jesus. Oremos irmãos. 3. Por estas nossas crianças que iniciam este ano a sua caminhada catequética, para que Jesus seja o seu ponto de Abrigo em todos os momentos. Oremos irmãos. 4. Pelos nossos sacerdotes, para que mesmo sobrecarregados com as exigências do seu ministério, consigam encontrar força para não desanimar. Oremos irmãos. 5. Pelos catequistas, para que o Senhor lhes dê força e coragem e faça deles terra boa onde a sua palavra seja semente que dê muito fruto. Oremos irmãos. Ofertório Solene Vela - luz que durante este ano de caminhada teremos presente em nossos corações: JESUS como luz do mundo. O Pão e as uvas - são o corpo e sangue de Jesus, o nosso alimento na Eucaristia, fruto do trabalho do homem para a sua alimentação diária. Diploma Símbolo do acolhimento destas crianças do 1.º ano por toda a comunidade cristã Catecismo - símbolo de um trabalho de aprendizagem ao longo deste ano de catequese.

7 Comunhão: Saber colher e ser acolhido é algo que tem de estar presente na vida de qualquer cristão. Com este espírito de acolhimento encaminhemo-nos para o altar. Acção de Graças: Entrega das sementes pelo Padre Silva: Como símbolo de compromisso o Padre Silva vai entregar aos catequistas uma semente para que eles entreguem essas sementes a todos os catquizandos. Esta semente deve ser plantada e cuidada pelos meninos e pelos pais para que dê flor. Tal como esta longa caminhada catequética que está agora a começar um dia possa dar frutos.

III DOMINGO QUARESMA

III DOMINGO QUARESMA III DOMINGO DA QUARESMA Leitura do Livro do Êxodo Ex 20,1-17 Naqueles dias, Deus pronunciou todas estas palavras: «Eu sou o Senhor, teu Deus, que te tirei da terra do Egipto, dessa casa de escravidão.

Leia mais

CELEBRAÇÕES NA COMUNIDADE ORIENTAÇÕES PARA AS CELEBRAÇÕES

CELEBRAÇÕES NA COMUNIDADE ORIENTAÇÕES PARA AS CELEBRAÇÕES CELEBRAÇÕES NA COMUNIDADE ORIENTAÇÕES PARA AS CELEBRAÇÕES A catequese deve iniciar o catequizando na vida litúrgica da comunidade. Nesse sentido, é importante que o catequista leve seu grupo de catequese

Leia mais

1. De novo reunidos ( / / ) 1. De novo reunidos ( / / ) Jesus está no meio de Nós! Jesus está no meio de Nós!

1. De novo reunidos ( / / ) 1. De novo reunidos ( / / ) Jesus está no meio de Nós! Jesus está no meio de Nós! 1. De novo reunidos ( / / ) Jesus está no meio de Nós! Onde dois ou três estiverem reunidos em Meu nome, Eu estou no meio deles! Mt 18,20 -O Senhor esteja convosco! - Ele está no meio de Nós! Desenha o

Leia mais

ASCENSÃO DO SENHOR. «Elevou-Se à vista deles»

ASCENSÃO DO SENHOR. «Elevou-Se à vista deles» ASCENSÃO DO SENHOR LEITURA I Actos 1, 1-11 «Elevou-Se à vista deles» Leitura dos Actos dos Apóstolos No meu primeiro livro, ó Teófilo, narrei todas as coisas que Jesus começou a fazer e a ensinar, desde

Leia mais

Leitura dos Actos dos Apóstolos. Actos 1, 1-11

Leitura dos Actos dos Apóstolos. Actos 1, 1-11 Ascensão do Senhor Perdão Senhor Leitura dos Actos dos Apóstolos Actos 1, 1-11 No meu primeiro livro, ó Teófilo, narrei todas as coisas que Jesus começou a fazer e a ensinar, desde o princípio até ao

Leia mais

F e s t a d a V i d a

F e s t a d a V i d a Cântico de entrada (A entrada será feita pelo fundo da igreja a qual estará adornada de Festa. À frente da procissão de entrada vai um catequista com a Cruz grande (a da Caminhada) outro com a Bíblia seguidos

Leia mais

Guião da celebração. Festa do Pai-Nosso. Núcleo seminário passionistas. 2º Ano de catequese. 2 Junho de 2012. Saudação inicial: Catequista:

Guião da celebração. Festa do Pai-Nosso. Núcleo seminário passionistas. 2º Ano de catequese. 2 Junho de 2012. Saudação inicial: Catequista: Guião da celebração Festa do Pai-Nosso Núcleo seminário passionistas 2º Ano de catequese 2 Junho de 2012 Saudação inicial: Catequista: Boa tarde A nossa comunidade está hoje em festa, porque as crianças

Leia mais

Festa da Palavra. 4ºano. Catequese Missionários Passionistas

Festa da Palavra. 4ºano. Catequese Missionários Passionistas Festa da Palavra 4ºano Catequese Missionários Passionistas 5 de Novembro de 2011 Coral Confessionários A Mónica Leite reserva 6 bancos em cada uma das 4 filas. Na primeira fila, do lado do órgão, ficam

Leia mais

CANTOS DA PRIMEIRA EUCARISTIA

CANTOS DA PRIMEIRA EUCARISTIA CANTOS DA PRIMEIRA EUCARISTIA CANTO DE ENTRADA: E B7 E B7 E B7 E B7 E Jesus meu amigo, estou aqui, estou aqui para celebrar, para agradecer e A B7 partilhar o pão e a Fé. A B G#m C#m A F# B7 Celebrar o

Leia mais

Catequese 2º ano Ensina-nos a rezar (Revisões fim de ano)

Catequese 2º ano Ensina-nos a rezar (Revisões fim de ano) Catequese 2º ano Ensina-nos a rezar (Revisões fim de ano) Na catequese encontramos essencialmente uma Pessoa: Jesus, Filho único do Deus, que sofreu e morreu por nós e que agora, ressuscitado, vive connosco

Leia mais

2ºDOMINGO DO TEMPO DO ADVENTO ANO B - (04/12/11)

2ºDOMINGO DO TEMPO DO ADVENTO ANO B - (04/12/11) Vivendo a Liturgia 2ºDOMINGO DO TEMPO DO ADVENTO ANO B - (04/12/11) Dezembro/2011 (João Batista) A cor litúrgica para esta celebração é a roxa. Poderia ser feito um mural específico para esta celebração

Leia mais

Orações Eucarísticas para as Missas Com Crianças

Orações Eucarísticas para as Missas Com Crianças Orações Eucarísticas para as Missas Com Crianças Textos e melodias ORAÇÃO EUCARÍSTICA I v. O Senhor esteja convosco. R. Ele está no meio de nós. v. Corações ao alto. R. O nosso coração está em Deus. v.

Leia mais

Catequese Missionários Passionistas

Catequese Missionários Passionistas Catequese Missionários Passionistas Coral Confessionários 5º Ano Guião Festa do Credo A Mónica Leite reserva 4 bancos das 3 filas a contar do órgão e 3 bancos dos confessionários. Na primeira fila do lado

Leia mais

ASCENSÃO DO SENHOR. «Elevou-Se à vista deles»

ASCENSÃO DO SENHOR. «Elevou-Se à vista deles» 243 ASCENSÃO DO SENHOR LEITURA I Actos 1, 1-11 Leitura dos Actos dos Apóstolos «Elevou-Se à vista deles» No meu primeiro livro, ó Teófilo, narrei todas as coisas que Jesus começou a fazer e a ensinar,

Leia mais

Nº 25 B - 6º Domingo da Páscoa-10.5.2015

Nº 25 B - 6º Domingo da Páscoa-10.5.2015 Nº 25 B - 6º Domingo da Páscoa-10.5.2015 Qual é o assunto das leituras de hoje? Isso mesmo: o amor. Jesus no Evangelho, e São João na Epístola, falam-nos do amor: de como Deus gosta tanto de nós que mandou

Leia mais

CELEBRAÇÃO DA FESTA DA PALAVRA

CELEBRAÇÃO DA FESTA DA PALAVRA CELEBRAÇÃO DA PALAVRA PARÓQUIA DE SÃO VICTOR Acolhimento (O acolhimento será feito à medida que as crianças vão chegando. Começaremos por ensaiar os cânticos a cantar durante a celebração.) CELEBRAÇÃO

Leia mais

PLANIFICAÇÃO ANUAL DE RELIGIÃO DO 1º CICLO 1º ANO

PLANIFICAÇÃO ANUAL DE RELIGIÃO DO 1º CICLO 1º ANO PLANIFICAÇÃO ANUAL DE RELIGIÃO DO 1º CICLO 1º ANO TÓPICOS 1º PERÍODO OBJECTIVOS ORAÇÕES / DOUTRINA CRISTÃ ACTIVIDADES CELEBRAÇÕES AVALIAÇÃO A criação Deus é grande e poderoso Tudo nos fala de Deus Deus

Leia mais

QUARESMA - PÁSCOA 2015 ANO B

QUARESMA - PÁSCOA 2015 ANO B QUARESMA - PÁSCOA 2015 ANO B DEUS É AMOR ALEGRA-TE e ANUNCIA PARÓQUIA DE.. DIOCESE DE COIMBRA Amigos Catequistas: Inspirados na Campanha da Paróquia de S. José de Coimbra, que achámos muito interessante,

Leia mais

GUIÂO CELEBRAÇÃO DE ACOLHIMENTO ÀS CRIANÇAS DO 1º ANO DE CATEQUESE

GUIÂO CELEBRAÇÃO DE ACOLHIMENTO ÀS CRIANÇAS DO 1º ANO DE CATEQUESE RITOS INICIAIS ADMONIÇÃO INTRODUTÓRIA (Lê 1 pai/mãe Grupo Conceição) Boa tarde a todos. Hoje estamos aqui porque é um momento muito especial para as nossas crianças do 1ºano que realizam a festa do acolhimento.

Leia mais

Nº 31 C 13ºDomingo do Tempo Comum-26.6.2016

Nº 31 C 13ºDomingo do Tempo Comum-26.6.2016 Nº 31 C 13ºDomingo do Tempo Comum-26.6.2016 Vamos de Férias Com Jesus Que bom! Começaram as férias! Não há aulas, vamos para a praia, para o campo, para o estrangeiro... mas vamos com Jesus. Ouvimos no

Leia mais

ABRO A PORTA À BONDADE DE DEUS. Caminhada do Advento e Natal 2015 DIOCESE DE AVEIRO

ABRO A PORTA À BONDADE DE DEUS. Caminhada do Advento e Natal 2015 DIOCESE DE AVEIRO ABRO A PORTA À BONDADE DE DEUS Caminhada do Advento e Natal 2015 DIOCESE DE AVEIRO INTRODUÇÃO «ABRO A PORTA À BONDADE DE DEUS» ANO DA MISERICÓRDIA PORTA SANTA INTRODUÇÃO «ABRO A PORTA À BONDADE DE DEUS»

Leia mais

Uma saudação carinhosa

Uma saudação carinhosa Meus caros amiguitos e amiguitas! Uma saudação carinhosa Olá! Chamo-me António Marto. Sou o novo Bispo desta diocese de Leiria-Fátima. Sabem o que é ser Bispo? Eu explico-vos através de uma comparação

Leia mais

LITURGIA FAMILIAR PRIMEIRO DOMINGO DE ADVENTO. 29 de novembro

LITURGIA FAMILIAR PRIMEIRO DOMINGO DE ADVENTO. 29 de novembro LITURGIA FAMILIAR PRIMEIRO DOMINGO DE ADVENTO 29 de novembro Vivendo o tempo do ADVENTO É urgente atualizar hoje o Advento de Cristo. Estar vigilante é entender os sinais dos tempos. A perspetiva de uma

Leia mais

LAUSPERENE 4 de Dezembro de 2011 - Carreço

LAUSPERENE 4 de Dezembro de 2011 - Carreço LAUSPERENE 4 de Dezembro de 2011 - Carreço MEIA HORA PARA TI! Cântico: Deixa Deus entrar Deixa Deus entrar na tua própria casa Deixa-te tocar pela sua graça Dentro em segredo reza-lhe sem medo Senhor,

Leia mais

EVANGELHO DO DIA E HOMILIA

EVANGELHO DO DIA E HOMILIA EVANGELHO DO DIA E HOMILIA (LECTIO DIVINA) REFLEXÕES DE FREI CARLOS MESTERS,, O. CARM REFLEXÕES E ILUSTRAÇÕES DE PE. LUCAS DE PAULA ALMEIDA, CM 1) Oração Quinta-feira da 1ª Semana da Quaresma Dai-nos,

Leia mais

A Ação do Espírito Santo. no Apostolado da Oração (AO) - Movimento Eucarístico Jovem (MEJ)

A Ação do Espírito Santo. no Apostolado da Oração (AO) - Movimento Eucarístico Jovem (MEJ) A Ação do Espírito Santo no Apostolado da Oração (AO) - Movimento Eucarístico Jovem (MEJ) O Espírito Santo, uma promessa de Jesus Descerá sobre vós o Espírito Santo e vos dará a força e sereis minhas testemunhas

Leia mais

OS MANDAMENTOS DE CRISTO

OS MANDAMENTOS DE CRISTO OS MANDAMENTOS DE CRISTO Equipando Discípulos para fazerem discípulos, ensinando-os a obedecer, todas as coisas que Jesus ordenou Uma adaptação de George Patterson 7 Comandos de Cristo (Readaptação de

Leia mais

FESTA DO PAI-NOSSO 2º Ano. 14 de junho de Catequese Paroquial de Santa Maria da Feira Núcleo: Missionários Passionistas

FESTA DO PAI-NOSSO 2º Ano. 14 de junho de Catequese Paroquial de Santa Maria da Feira Núcleo: Missionários Passionistas FESTA DO PAI-NOSSO 2º Ano 14 de junho de 2014 Catequese Paroquial de Santa Maria da Feira Núcleo: Missionários Passionistas MONIÇÃO ANTES DO CÂNTICO DE ENTRADA (Criança) Olá, nós as crianças do 2º ano

Leia mais

DOMINGO DA OITAVA DA PÁSCOA (DOMINGO II DA PÁSCOA) Vésperas I Hi n o. Sa l m o d i a: Antífonas, salmos e cântico como no Domingo da Ressurreição.

DOMINGO DA OITAVA DA PÁSCOA (DOMINGO II DA PÁSCOA) Vésperas I Hi n o. Sa l m o d i a: Antífonas, salmos e cântico como no Domingo da Ressurreição. DOMINGO DA OITAVA DA PÁSCOA (DOMINGO II DA PÁSCOA) Vésperas I Le i t u r a b r e v e 1 Pedro 2, 9-10 Vós sois geração eleita, sacerdócio real, nação santa, povo adquirido por Deus, para anunciar os louvores

Leia mais

EXÉQUIAS DOS ADULTOS EXÉQUIAS EXÉQUIAS DOS ADULTOS

EXÉQUIAS DOS ADULTOS EXÉQUIAS EXÉQUIAS DOS ADULTOS 357 EXÉQUAS rmãos e irmãs Elevemos a nossa oração a Deus Pai todo-poderoso, que ressuscitou a Jesus Cristo, seu Filho, e imploremos a paz e a salvação dos vivos e dos mortos, dizendo (ou: cantando): Ou:

Leia mais

PROFISSÃO DE FÉ CATEQUESE 6.º ANO 2012/2013

PROFISSÃO DE FÉ CATEQUESE 6.º ANO 2012/2013 CATEQUESE 6.º ANO 2012/2013 PARÓQUIA DO DIVINO SALVADOR DE FOLGOSA PROFISSÃO DE FÉ Ana Isabel Moreira Ramos Carla Marina de Sousa Gomes Carlos Daniel dos Santos Reis Francisca Moura Carvalho Gonçalo Mamede

Leia mais

Mãe do Amor Misericordioso Catequese para crianças

Mãe do Amor Misericordioso Catequese para crianças Mãe do Amor Misericordioso Catequese para crianças Estudos www.fatima.pt/documentacao Em VAZ, Carla Abreu, coord. Envolvidos no amor de Deus pelo mundo: Itinerário Temático do Centenário das Aparições

Leia mais

Celebração do Mês de Maria

Celebração do Mês de Maria Celebração do Mês de Maria Terça-feira, 14 de maio de 2013 S. Matias Pelos Sacerdotes e Missionários Ritos Iniciais Pres. Em nome do Pai e do Filho e do Espírito Santo Todos Amen. Pres. A graça de nosso

Leia mais

- Não tem como ter a graça se ainda estamos debaixo do pecado. Ou você morreu para o pecado; ou ainda não se converteu de fato.

- Não tem como ter a graça se ainda estamos debaixo do pecado. Ou você morreu para o pecado; ou ainda não se converteu de fato. Romanos 6:1-11. Na semana passada falamos sobre a Graça de Deus. Pode parecer algo simples, mas a má compreensão desse tema tem gerado muitos problemas no meio evangélico. Pois alguns entendem a graça

Leia mais

CATEDRAL DIOCESANA DE CAMPINA GRANDE PARÓQUIA NOSSA SENHORA DA CONCEIÇÃO

CATEDRAL DIOCESANA DE CAMPINA GRANDE PARÓQUIA NOSSA SENHORA DA CONCEIÇÃO CATEDRAL DIOCESANA DE CAMPINA GRANDE PARÓQUIA NOSSA SENHORA DA CONCEIÇÃO PÁSCOA DO SENHOR, NOVA CRIAÇÃO E NOVO ÊXODO DOMINGO DA RESSURREIÇÃO 08 DE ABRIL DE 2012 ANIM: (Saudações espontâneas) O TÚMULO ESTÁ

Leia mais

Destruí este templo, e em três dias eu o levantarei! (Jo 2,19)

Destruí este templo, e em três dias eu o levantarei! (Jo 2,19) CELEBRAÇÃO DO 3º. DOMINGO DA QUARESMA 08 de MARÇO DE 2015 Destruí este templo, e em três dias eu o levantarei! (Jo 2,19) Leituras: Êxodo 20, 1-17 ou abreviado Êxodo 20, 1-2.7-8.12-17; Salmo 18 (19b), 8.9.10.11

Leia mais

Plano Anual Catequético (Infância)

Plano Anual Catequético (Infância) Ano: 1º I Jesus é o nosso grande Amigo; II Jesus revela-nos o Pai, dá a vida por nós e ressuscita; III Nós somos do grupo dos amigos de Jesus A Igreja. Aderir a Jesus Cristo e iniciar-se no conhecimento

Leia mais

Celebração da Festa da Fé

Celebração da Festa da Fé Catequese 6º Ano 2013/2014 Departamento de Catequese Paróquia do Divino Salvador de Lemenhe Celebração da Festa da Fé Celebração da Festa da Fé Ana Leonor Ana Soraia Bruna Francisca Inês João Lucas Marco

Leia mais

A Trindade Santa - V Qua, 06 de Maio de 2009 10:52 - Henrique Soares da Costa

A Trindade Santa - V Qua, 06 de Maio de 2009 10:52 - Henrique Soares da Costa Pe. Henrique Soares da Costa A Igreja vive enraizada na Trindade Nesta série muitas vezes foi dito que a Santíssima Trindade é o mistério central da nossa fé cristã; mistério que foi revelado e experimentado

Leia mais

Domingo do Bom Pastor

Domingo do Bom Pastor Paróquia de S. João Baptista de Vila do Conde Domingo do Bom Pastor Eucaristia presidida pelo Rev. Prior Pe. Paulo César 26 de Abril de 2015 Catequese 2º ano A procissão de entrada proceder-se-á da seguinte

Leia mais

CRUZEIRINHO DO MESTRE IRINEU

CRUZEIRINHO DO MESTRE IRINEU CRUZEIRINHO DO MESTRE IRINEU 1 2 1. Dou Viva a Deus Nas Alturas waltz Dou viva a Deus nas alturas E a Virgem Mãe nosso amor Viva todo Ser Divino E Jesus Cristo Redentor Eu peço a Deus nas alturas Para

Leia mais

SACERDOTE: Que nome escolhestes para o vosso filho? PAIS: Nn. SACERDOTE: Que pedis à Igreja de Deus para NN? PAIS: O Baptismo. PAIS: Sim, estamos.

SACERDOTE: Que nome escolhestes para o vosso filho? PAIS: Nn. SACERDOTE: Que pedis à Igreja de Deus para NN? PAIS: O Baptismo. PAIS: Sim, estamos. Entrada RITO DO BAPTISMO SACERDOTE: Que nome escolhestes para o vosso filho? PAIS: Nn. SACERDOTE: Que pedis à Igreja de Deus para NN? PAIS: O Baptismo. SACERDOTE: Caríssimos pais: pedistes o baptismo para

Leia mais

CELEBRAÇÃO PASCAL. Depois de todos sentados, a assembleia é convidada a cantar o cântico de entrada VAMOS CANTAR IRMÃOS

CELEBRAÇÃO PASCAL. Depois de todos sentados, a assembleia é convidada a cantar o cântico de entrada VAMOS CANTAR IRMÃOS CELEBRAÇÃO PASCAL 2013 CELEBRAÇÃO PASCAL Colocar no centro da mesa a Bíblia e um candelabro com as velas acesas, com espaço para os pratos das ofertas. Colocar também 10 velas pequenas na mesa. Trazer,

Leia mais

EVANGELHO DO DIA E HOMILIA (LECTIO DIVINA) REFLEXÕES DE FREI CARLOS MESTERS,, O. CARM REFLEXÕES E ILUSTRAÇÕES DE PE. LUCAS DE PAULA ALMEIDA, CM

EVANGELHO DO DIA E HOMILIA (LECTIO DIVINA) REFLEXÕES DE FREI CARLOS MESTERS,, O. CARM REFLEXÕES E ILUSTRAÇÕES DE PE. LUCAS DE PAULA ALMEIDA, CM EVANGELHO DO DIA E HOMILIA (LECTIO DIVINA) REFLEXÕES DE FREI CARLOS MESTERS,, O. CARM REFLEXÕES E ILUSTRAÇÕES DE PE. LUCAS DE PAULA ALMEIDA, CM 1) Oração Terça-feira da 7ª Semana da Páscoa Ó Deus de poder

Leia mais

KJV King James Bible Study Correspondence Course An Outreach of Highway Evangelistic Ministries 5311 Windridge lane ~ Lockhart, Florida 32810 ~ USA

KJV King James Bible Study Correspondence Course An Outreach of Highway Evangelistic Ministries 5311 Windridge lane ~ Lockhart, Florida 32810 ~ USA 1 A Vontade de Deus Lição 7 (volte para as páginas 4 e 5) Como saber a vontade de Deus para munha vida? Um pregador famoso uma vez disse que o sucesso do homem é um homem que descobre o que Deus quer para

Leia mais

Revista da Escola Bíblica de Crianças Deus é tudo pra mim. Apresentação. A Deus toda a glória.

Revista da Escola Bíblica de Crianças Deus é tudo pra mim. Apresentação. A Deus toda a glória. Apresentação A Deus toda a glória. É com muita satisfação que apresentamos a todas professoras e professores da Escola Bílica Infantil, esta maravilhosa revista. Com o intuíto de provermos nossas crianças

Leia mais

Catequista: Crianças: Festa do Acolhimento

Catequista: Crianças: Festa do Acolhimento Catequista: Crianças: Festa do Acolhimento 14 1 INTRODUÇÃO CÂNTICO DE COMUNHÃO É o Meu Corpo Possivelmente estamos habituados a procurar Deus nas grandes coisas da vida, boas ou menos boas, e esquecemo-nos

Leia mais

ENCONTRO VOCACIONAL PARA CATEQUESE

ENCONTRO VOCACIONAL PARA CATEQUESE ENCONTRO VOCACIONAL PARA CATEQUESE 1. OBJETIVO DO ENCONTRO Este encontro tem por objetivo despertar as crianças para a realidade da VOCAÇÃO como o chamado de Deus e a necessidade da resposta humana. 2.

Leia mais

O QUE ACONTECERIA SE TIRÁSSEMOS O TEMPLO DA NOSSA IGREJA? Igreja Menonita na Etiópia

O QUE ACONTECERIA SE TIRÁSSEMOS O TEMPLO DA NOSSA IGREJA? Igreja Menonita na Etiópia O QUE ACONTECERIA SE TIRÁSSEMOS O TEMPLO DA NOSSA IGREJA? Igreja Menonita na Etiópia A IGREJA ALÉM DO TEMPLO João 2:13-22 Quando já estava chegando a Páscoa judaica, Jesus subiu a Jerusalém. No pátio do

Leia mais

D. José da Cruz Policarpo. Actualidade da Palavra de Deus

D. José da Cruz Policarpo. Actualidade da Palavra de Deus D. José da Cruz Policarpo Actualidade da Palavra de Deus U n i v e r s i da d e C at ó l i c a E d i to r a Lisboa 2009 Sumário I. Descobrir a fecundidade da Palavra, caminhando com Paulo II. Aprofundar

Leia mais

PALAVRA DE DEUS CATEQUESE

PALAVRA DE DEUS CATEQUESE PALAVRA DE DEUS NA CATEQUESE Para muitos, também entre os cristãos, a Palavra de Deus é, hoje, apenas mais uma «palavra» e, não raro, nem sequer tão pertinente como outras que disputam a atenção, o compromisso

Leia mais

L Í D ERES de aliança

L Í D ERES de aliança w w w. l i d e r e s d e a l i a n c a. p r o. b r L Í D ERES de aliança 2 ª e d i ç ã o CAPÍTULOS AVULSOS PARA DOWNLOAD V O C A B U L Á R I O das células de aliança Sandro José Hayakawa Cunha Brasília

Leia mais

Qual é o empregado fiel e prudente? É aquele que o Senhor colocou responsável pelos outros empregados, para dar comida a eles na hora certa.

Qual é o empregado fiel e prudente? É aquele que o Senhor colocou responsável pelos outros empregados, para dar comida a eles na hora certa. Qual é o empregado fiel e prudente? É aquele que o Senhor colocou responsável pelos outros empregados, para dar comida a eles na hora certa. Feliz o empregado cujo Senhor o encontrar fazendo assim quando

Leia mais

EVANGELHO DO DIA E HOMILIA (LECTIO DIVINA) REFLEXÕES E ILUSTRAÇÕES DE PE. LUCAS DE PAULA ALMEIDA, CM

EVANGELHO DO DIA E HOMILIA (LECTIO DIVINA) REFLEXÕES E ILUSTRAÇÕES DE PE. LUCAS DE PAULA ALMEIDA, CM EVANGELHO DO DIA E HOMILIA (LECTIO DIVINA) REFLEXÕES E ILUSTRAÇÕES DE PE. LUCAS DE PAULA ALMEIDA, CM SÁBADO DA 4ª SEMANA DA PÁSCOA - 1) Oração Deus eterno e todo-poderoso, fazei-nos viver sempre mais o

Leia mais

19 DE JUNHO DE 2013 Eu e minha casa serviremos ao Senhor. Josué 24.15

19 DE JUNHO DE 2013 Eu e minha casa serviremos ao Senhor. Josué 24.15 19 DE JUNHO DE 2013 Eu e minha casa serviremos ao Senhor. Josué 24.15 Prelúdio LITURGIA DE ENTRADA Acolhida Porém eu, pela riqueza da tua misericórdia, entrarei na tua casa e me prostrarei diante do teu

Leia mais

NOITE DE FÉ ORIENTADA PELOS CATEQUISTAS 14 de fevereiro de 2013

NOITE DE FÉ ORIENTADA PELOS CATEQUISTAS 14 de fevereiro de 2013 NOITE DE FÉ ORIENTADA PELOS CATEQUISTAS 14 de fevereiro de 2013 PARA CRESCER NO ENTUSIASMO E NO ARDOR MISSIONÁRIO 1 CONVITE À ORAÇÃO Presidente No Ano da Fé, estamos reunidos em nome do Senhor Jesus. Ele

Leia mais

Missa vespertina da Ceia do Senhor

Missa vespertina da Ceia do Senhor TRÍUO PASCAL 41 I QUINTA-FEIRA A CEIA O SENHOR Missa vespertina da Ceia do Senhor rmãos e irmãs: Elevemos as nossas súplicas ao Senhor Jesus, que lavou os pés aos Apóstolos e nos deu o sacerdócio e a Eucaristia,

Leia mais

Monições para a Celebração do Domingo de Páscoa C 2010

Monições para a Celebração do Domingo de Páscoa C 2010 Monições para a Celebração do Domingo de Páscoa C 2010 Entrada: O Senhor ressuscitou verdadeiramente! Não é uma ilusão da saudade! É a ressurreição do Senhor! O Senhor ressuscitou verdadeiramente! Não

Leia mais

JUBILEU DE OURO DA IGREJA BRASIL PARA CRISTO

JUBILEU DE OURO DA IGREJA BRASIL PARA CRISTO JUBILEU DE OURO DA IGREJA BRASIL PARA CRISTO Pronunciamento do Sr. Deputado Federal João Campos (PSDB-GO) na Sessão Solene no plenário da Câmara dos Deputados, no dia 08.06.05. Senhor Presidente, Senhoras

Leia mais

11ª JORNADA CATEQUÉTICA DIOCESANA

11ª JORNADA CATEQUÉTICA DIOCESANA 11ª JORNADA CATEQUÉTICA DIOCESANA DATA: 20 de outubro de 2013 LOCAL: Paróquia São José Constantina RS TEMA: O dom da fé LEMA: Crescer na Maturidade da Fé em Cristo (cf. Ef 4,13) OBJETIVOS: 1. Celebrar

Leia mais

Catequese 1 Re-unidos no amor de Cristo

Catequese 1 Re-unidos no amor de Cristo Tens Palavras de Vida Eterna Catequese 4º Ano materialdecatequese.webnode.pt Leituras Bloco I Catequese 1 Re-unidos no amor de Cristo O Senhor esteja connosco. Ele está no meio de nós. Evangelho de Nosso

Leia mais

O Nascimento de Jesus nosso Salvador

O Nascimento de Jesus nosso Salvador Este livrinho faz parte do material disponibilizado pelo projecto Presépio na Cidade. O Presépio na Cidade é um projecto de leigos católicos voluntários, cujo lema de 2005 é Presépio, berço do Cristo Vivo

Leia mais

53º Dia Mundial de Oração pelas Vocações

53º Dia Mundial de Oração pelas Vocações 53º Dia Mundial de Oração pelas Vocações Hora Santa Vocacional A Igreja, mãe de vocações Ambientação: Flores; círio; faixa com o tema da Mensagem do Papa próximo a um cartaz ou imagem do Bom Pastor. Altar

Leia mais

...Festa do Credo 2000 FESTA DO CREDO RITOS INICIAIS

...Festa do Credo 2000 FESTA DO CREDO RITOS INICIAIS FESTA DO CREDO RITOS INICIAIS Entrada: Comentador: Boa tarde a todos e benvindos a esta celebração. De livre vontade e cheios de alegria vamos ao encontro do Senhor imitando as multidões que outrora seguiam

Leia mais

PROGRAMA DE CANTO. Escola de Música Paroquial de Avintes

PROGRAMA DE CANTO. Escola de Música Paroquial de Avintes PROGRAMA DE CANTO Escola de Música Paroquial de Avintes Programas de canto para as missas com crianças animadas pelo coro da Escola de Música Paroquial de Avintes António José Ferreira 1/11/2008 SUGESTÕES

Leia mais

KJV King James Bible Study Correspondence Course An Outreach of Highway Evangelistic Ministries 5311 Windridge lane ~ Lockhart, Florida 32810 ~ USA

KJV King James Bible Study Correspondence Course An Outreach of Highway Evangelistic Ministries 5311 Windridge lane ~ Lockhart, Florida 32810 ~ USA 1 O meu Trabalho e o meu Patrão Lição 14 (volte para as páginas 4, e 5) Qual deve ser a minha atitude para com o meu serviço e o meu patrão? Desde que a Bíblia é a autoridade final em tudo o que se encontra

Leia mais

Festa do Envio e Compromisso

Festa do Envio e Compromisso Festa do Envio e Compromisso. «A Paz esteja convosco, assim como o Pai Me enviou, também Eu vos envio a vós» Procisão de entrada ( Catequizandos 9º e 10º anos, catequistas, acólitos e pároco) Introdução

Leia mais

Deus espera algo de nós

Deus espera algo de nós Deus espera algo de nós 2) Compartilhar o Evangelho deve se tornar um estilo de vida de todo cristão. Deus planejou que cada um de nós, vivendo seu dia-a-dia, fosse uma testemunha de Jesus. Mas o diabo,

Leia mais

51. CREIO NA REMISSÃO DOS PECADOS 976-987 INTRODUÇÃO

51. CREIO NA REMISSÃO DOS PECADOS 976-987 INTRODUÇÃO 51. CREIO NA REMISSÃO DOS PECADOS 976-987 INTRODUÇÃO Crer na remissão dos pecados significa crer que a ação redentora e a vitória de Cristo sobre o pecado não são obras somente do passado. A vitória de

Leia mais

Paróquia de Forjães 29 de Maio de 2005 Domingo IX do Tempo Comum

Paróquia de Forjães 29 de Maio de 2005 Domingo IX do Tempo Comum ADOLESCENTES DA FESTA DA VIDA 8º ANO Alexandra Bernardino Carvalho Amanda Regina Faria Carvalho André Filipe Castelo Almeida da Costa Carla Rafaela Sampaio Miranda Carlos Filipe Sampaio Ribeiro Alves Cathy

Leia mais

Missal Romano. Grupo de Acólitos São João da Madeira

Missal Romano. Grupo de Acólitos São João da Madeira Missal Romano Grupo de Acólitos São João da Madeira A estrutura da missa Antes de vermos a estrutura do missal, é conveniente relembrarmos a estrutura de uma Missa comum, para que possamos mais facilmente

Leia mais

DOM BOSCO E SUA FÉ: ESCOLA DE SANTIDADE

DOM BOSCO E SUA FÉ: ESCOLA DE SANTIDADE DOM BOSCO E SUA FÉ: ESCOLA DE SANTIDADE ANIMADOR 1: A escola de Santidade de Dom Bosco foi alimentar os seus sonhos no cotidiano, acreditando no que Deus lhe confiava. A vocação e todo o sentido da vida

Leia mais

Um chamado à oração. Letras. Editora. j. c. RyLE. Tradução Rodrigo Silva

Um chamado à oração. Letras. Editora. j. c. RyLE. Tradução Rodrigo Silva Um chamado à oração Um chamado à oração j. c. RyLE Tradução Rodrigo Silva Editora Letras Título Original: A Call to Prayer por J. C. Ryle Copyright Editora Letras 1ª edição em português: outubro de 2012

Leia mais

A 2 3:18 PNEUMATOLOGIA

A 2 3:18 PNEUMATOLOGIA VASOS DE OURO Antes crescei na graça e conhecimento de nosso Senhor e Salvador, Jesus Cristo. A ele seja dada a glória, assim agora, como no dia da eternidade. Amém. 2 Pe. 3:18 PNEUMATOLOGIA A OBRA DO

Leia mais

I Simpósio sobre a Nova Evangelização

I Simpósio sobre a Nova Evangelização O papel do Leigo no testemunho da Fé e no contexto da Nova Evangelização Dr. Sebastião Martins 1. O Concílio Vaticano II e a Nova Evangelização Jesus Cristo é o mesmo, ontem, hoje e eternamente Hebreus

Leia mais

Vemos abaixo dois exemplos negativos do apóstolo João que se prostrou aos pés do anjo para adorá-lo no livro do Apocalipse:

Vemos abaixo dois exemplos negativos do apóstolo João que se prostrou aos pés do anjo para adorá-lo no livro do Apocalipse: Adoração a anjos: Os anjos não devem ser adorados, não podemos sequer dirigir-nos diretamente a eles em nenhuma condição, os anjos servem a Deus e não aos homens, tudo o que queremos deve ser colocado,

Leia mais

Quem é Marcos? Marcos, autor do primeiro Evangelho, vivia em Jerusalém. A mãe se chamava Maria. Em sua casa reuniam-se os cristãos da cidade.

Quem é Marcos? Marcos, autor do primeiro Evangelho, vivia em Jerusalém. A mãe se chamava Maria. Em sua casa reuniam-se os cristãos da cidade. Atenção O Catequista, coordenador, responsável pela reunião ou encontro, quando usar esse material, tem toda liberdade de organizar sua exposição e uso do mesmo. Poderá interromper e dialogar com o grupo;

Leia mais

PERGUNTA 1 - Qual é o fim principal do homem? RESPOSTA - O fim principal do homem é glorificar a Deus, e encontrar prazer nele para sempre.

PERGUNTA 1 - Qual é o fim principal do homem? RESPOSTA - O fim principal do homem é glorificar a Deus, e encontrar prazer nele para sempre. A finalidade do homem e as obras vivendopelapalavra.com Por: Helio Clemente O Breve Catecismo de Westminster, na pergunta número um, diz: PERGUNTA 1 - Qual é o fim principal do homem? RESPOSTA - O fim

Leia mais

CULTO EUCARÍSTICO-FACULDADES EST-07/11/2012. Liturgia de Entrada

CULTO EUCARÍSTICO-FACULDADES EST-07/11/2012. Liturgia de Entrada CULTO EUCARÍSTICO-FACULDADES EST-07/11/2012 Prelúdio Liturgia de Entrada Hino: A cada manhã (grupo musical PPLM) Acolhida L.: Bom dia a todos e a todas, sejam bem vindos e bem vindas. Hoje o nosso culto

Leia mais

A PALAVRA DE DEUS NAS CELEBRAÇÕES DA EUCARISTIA E DA PALAVRA

A PALAVRA DE DEUS NAS CELEBRAÇÕES DA EUCARISTIA E DA PALAVRA PLVR DE DEUS NS ELERÇÕES D EURISTI E D PLVR 1 Em sua opinião, como anda o sistema de som em sua omunidade? 21% 18% 61% O microfone e o som funcionam bem. (61%) O microfone e o som não funcionam bem. (18%)

Leia mais

ARQUIDIOCESE DE BRASÍLIA ANIVERSÁRIO DA DEDICAÇÃO DA CATEDRAL METROPOLITANA 30 DE MAIO DE 2016

ARQUIDIOCESE DE BRASÍLIA ANIVERSÁRIO DA DEDICAÇÃO DA CATEDRAL METROPOLITANA 30 DE MAIO DE 2016 ARQUIDIOCESE DE BRASÍLIA ANIVERSÁRIO DA DEDICAÇÃO DA CATEDRAL METROPOLITANA 30 DE MAIO DE 2016 A.: Irmãos e irmãs, nos reunimos para louvar ao Senhor pelo aniversário de dedicação da Igreja Catedral. Dedicar

Leia mais

Harmonia sexual entre o casal

Harmonia sexual entre o casal Harmonia sexual entre o casal O ato sexual, para o casal, é a mais intensa manifestação do seu amor O bom relacionamento sexual na vida do casal é de fundamental importância para a sua harmonia. A primeira

Leia mais

O ROSTO DA NOSSA ESCOLA DE CATEQUESE

O ROSTO DA NOSSA ESCOLA DE CATEQUESE Página1 Pe. GERALDO RAIMUNDO PEREIRA O ROSTO DA NOSSA ESCOLA DE CATEQUESE SÃO PAULO 2012 Página2 Mística: o rosto da nossa escola de catequese Olhando os caminhos percorridos pela evangelização, percebemos

Leia mais

Vigília de oração 2016 A Igreja, mãe de vocações. A Igreja, Introdução. mãe das vocações. 1. Coordenador da vigília

Vigília de oração 2016 A Igreja, mãe de vocações. A Igreja, Introdução. mãe das vocações. 1. Coordenador da vigília Vigília de oração 2016 mãe de Introdução 53ª Semana de Oração pelas Vocações 10 a 17 abril 2016 1. Coordenador da vigília Estamos a celebrar a 53ª semana de oração pelas. Teremos como fio condutor da nossa

Leia mais

Celebração do Mês de Maria

Celebração do Mês de Maria Celebração do Mês de Maria Segunda-feira, 6 de Maio de 2013 Entidades do Poder Local (Câmara e Junta de Freguesia) Ritos Iniciais Pres. Em nome do Pai e do Filho e do Espírito Santo Pres. A graça de nosso

Leia mais

Quaresma Olhar a cruz: convite à mudança

Quaresma Olhar a cruz: convite à mudança 2ª feira, 02 de março: Mudança interior Bom dia! O tempo da Quaresma é um tempo de conversão, de mudança. Havia no mosteiro um frade que era muito conflituoso. O Superior chamou-o à atenção e ele desculpou-se:

Leia mais

Celebração do Mês de Maria

Celebração do Mês de Maria Celebração do Mês de Maria Grupo de Catequistas Quinta-feira, 10 de Maio de 2012 Ritos Iniciais Pres. Graças e Louvores se deem a todo o momento. Todos Ao Santíssimo e diviníssimo Sacramento. Pres. Graças

Leia mais

4 O Encontro: A Eucaristia Dominical: expressão maior de espiritualidade

4 O Encontro: A Eucaristia Dominical: expressão maior de espiritualidade Hora da Família 2014 Sumário 05 07 08 10 11 APRESENTAÇÃO INTRODUÇÃO PARAMOTIVAR ORAÇÃOINICIAL ORAÇÃOFINAL Encontros 13 18 23 28 33 38 42 4 1 O Encontro: A espiritualidade cristã na família 2 O Encontro:

Leia mais

01. Paz na Terra, Glória a Deus nas Aturas - Glória a Deus nas alturas/ E paz na terra aos homens por Ele amados! (bis)

01. Paz na Terra, Glória a Deus nas Aturas - Glória a Deus nas alturas/ E paz na terra aos homens por Ele amados! (bis) 01. Paz na Terra, Glória a Deus nas Aturas - Comunidade Católica Shalom Glória a Deus nas alturas/ E paz na terra aos homens por Ele amados! (bis) Senhor Deus, Rei dos céus, Deus Pai Todo-poderoso Nós

Leia mais

MISSAL ROMANO. Missal e Leccionário PRÓPRIO DO PATRIARCADO S. VICENTE, DIÁCONO E MÁRTIR PADROEIRO PRINCIPAL DO PATRIARCADO SOLENIDADE 22 DE JANEIRO

MISSAL ROMANO. Missal e Leccionário PRÓPRIO DO PATRIARCADO S. VICENTE, DIÁCONO E MÁRTIR PADROEIRO PRINCIPAL DO PATRIARCADO SOLENIDADE 22 DE JANEIRO MISSAL ROMANO Missal e Leccionário PRÓPRIO DO PATRIARCADO S. VICENTE, DIÁCONO E MÁRTIR PADROEIRO PRINCIPAL DO PATRIARCADO SOLENIDADE 22 DE JANEIRO S. VICENTE, DIÁCONO E MÁRTIR Padroeiro Principal do Patriarcado

Leia mais

DIOCESE DE BRAGANÇA MIRANDA VISITA PASTORAL DO BISPO ÀS COMUNIDADES DA SUA DIOCESE

DIOCESE DE BRAGANÇA MIRANDA VISITA PASTORAL DO BISPO ÀS COMUNIDADES DA SUA DIOCESE DIOCESE DE BRAGANÇA MIRANDA VISITA PASTORAL DO BISPO ÀS COMUNIDADES DA SUA DIOCESE SUBSÍDIOS PASTORAIS CONFORME DMPB E EXORTAÇÃO APOSTÓLICA PASTORES GREGIS NATUREZA E FINALIDADE Visita pastoral é a que

Leia mais

Estudos na Palavra de Deus

Estudos na Palavra de Deus Estudos na Palavra de Deus ORAÇÃO COMO MEIO DE GRAÇA Lucas 18:1 Disse-lhes Jesus uma parábola sobre o dever de orar sempre e nunca esmorecer: (...) 2 Reis 2 1 Timóteo 2.8 Quero, portanto, que os varões

Leia mais

Deus une-vos. Rito do Matrimónio

Deus une-vos. Rito do Matrimónio Deus une-vos Rito do Matrimónio 59. Estando todos de pé, inclusive os noivos, com as testemunhas junto de si, o sacerdote dirige-se aos noivos dizendo estas palavras ou outras semelhantes: Noivos caríssimos,

Leia mais

Amigo de Deus (Tg2.23)

Amigo de Deus (Tg2.23) Amigo de Deus (Tg2.23) Introdução: A Bíblia esta recheada de exemplos de verdadeiras amizades, destacamos as mais importantes e tiramos lições para escolhermos nossas amizades. 20 de julho dia do amigo.

Leia mais

a) Abraão intercedeu pela família do seu sobrinho Ló (Gn 18,22-33); b) Moisés intercedeu a favor do povo de Israel (Êxodo 32,9-14; Dt 9,18);

a) Abraão intercedeu pela família do seu sobrinho Ló (Gn 18,22-33); b) Moisés intercedeu a favor do povo de Israel (Êxodo 32,9-14; Dt 9,18); Algumas pessoas creem que Deus está no controle de tudo. Mas se Deus está no controle de tudo, porque temos fome, miséria, doenças cada vez piores, violências até contra crianças inocentes, estupros, pedofilia,

Leia mais

- Quão formosos sobre os montes! São os pés do que anuncia e prega a paz. - Ide pelo mundo inteiro! E pregai o Evangelho

- Quão formosos sobre os montes! São os pés do que anuncia e prega a paz. - Ide pelo mundo inteiro! E pregai o Evangelho Ide pelo mundo inteiro e pregai o Evangelho. Por vontade de Jesus, a Igreja deve continuar a sua obra na terra sendo o Sacramento Universal da Salvação. Evangelizar é levar a Boa Nova de Jesus a toda humanidade,

Leia mais

FESTA DO ESPIRITO 10º ANO DE CATEQUESE. 23 de Maio de 2010

FESTA DO ESPIRITO 10º ANO DE CATEQUESE. 23 de Maio de 2010 FESTA DO ESPIRITO "É este o fruto do Espírito Santo: amor, alegria, paz, paciência, benignidade, bondade, fidelidade, mansidão e auto-domínio." Gl, 5,22 Espírito Santo ajuda-nos a ter estes Teus frutos!

Leia mais

Lição 5 - VIVENDO A ALEGRIA DE PREGAR O EVANGELHO Texto Bíblico: Filipenses 1.20,21

Lição 5 - VIVENDO A ALEGRIA DE PREGAR O EVANGELHO Texto Bíblico: Filipenses 1.20,21 Lição 5 - VIVENDO A ALEGRIA DE PREGAR O EVANGELHO Texto Bíblico: Filipenses 1.20,21 O apóstolo Paulo está dizendo que o evangelho precisa ser proclamado, não importa com algema ou sem algema, o evangelho

Leia mais

(Texto base: Os Sacramentos em sua vida José Bertolini Edições Paulinas)

(Texto base: Os Sacramentos em sua vida José Bertolini Edições Paulinas) 1 Confiirmação ou Criisma (Texto base: Os Sacramentos em sua vida José Bertolini Edições Paulinas) A partir deste número do Deus Conosco dia a dia, vamos conversar sempre que possível porque nem sempre

Leia mais

MISSA DE SANTO ANTÔNIO DE SANT ANA GALVÃO No Calendário Litúrgico da Igreja Católica, celebrado no dia 25 de Outubro

MISSA DE SANTO ANTÔNIO DE SANT ANA GALVÃO No Calendário Litúrgico da Igreja Católica, celebrado no dia 25 de Outubro MISSA DE SANTO ANTÔNIO DE SANT ANA GALVÃO No Calendário Litúrgico da Igreja Católica, celebrado no dia 25 de Outubro 1 COMENTÁRIO INICIAL Santo Antônio de Sant Ana Galvão, franciscano da Província da Província

Leia mais