Lista 3 Exercícios de Gestão de Redes

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Lista 3 Exercícios de Gestão de Redes"

Transcrição

1 1. Quais os fatores que contribuem para o sucesso de uma operação de gerenciamento? O sucesso de uma operação de Gerenciamento depende dos seguintes fatores: O sistema de gerenciamento invocador deve ter os direitos de acesso necessários As restrições de consistência, associadas à classe do objeto gerenciado e não devem ser violadas. Perfeito sincronismo entre as classes definidas no elemento gerenciador e o objeto gerenciado. 2. Quantos e quais são os tipos básicos de operações de gerenciamento que podem ser realizadas sobre os objetos gerenciados? Existem dois tipos básicos de operações de gerenciamento que podem ser realizados sobre os objetos gerenciados: Operações orientadas a atributos Operações sobre objetos gerenciados como um todo. 3. Quais são as operações orientadas a atributos? GET ATTRIBUTE VALUE (Obtenção de Valor do Atributo) REPLACE ATTRIBUTE VALUE (Substituição do Valor do Atributo) SET WITH DEFAULT VALUE (Substituição do Valor do Atributo pelo Valor Default) ADD MEMBER (Inclusão de Valores) REMOVE MEMBER (Remoção de Valores) 4. Quais são as operações sobre objetos gerenciados como um todo? Explique cada uma. CREATE (Criação de Objeto), DELETE (Remoção de Objeto) e ACTION (Ação do Objeto). CREATE (Criação de Objeto) Sua função é requisitar a criação e iniciação de um objeto gerenciado. Para determinar como e se a operação de criação pode ser executada, devem ser fornecidas as seguintes informações: Identificador da classe de objeto; Atributo de pacotes; Identificadores dos atributos Identificador da referência do objeto gerenciado DELETE (Remoção de Objeto) Esta operação aplica-se a todos os objetos gerenciados que podem ser removidos remotamente. Ela pode ser efetuada mesmo sobre objetos gerenciados que tiverem sido criados através de uma operação local. Quando um objeto gerenciado recebe um pedido de remoção, ele verifica se outros objetos gerenciados estão contidos nesse objeto, efeito de dependência. 1

2 ACTION (Ação do Objeto) Essa operação pode ser executada para todas as classes de objetos gerenciados A operação ACTION requer que o objeto gerenciado execute a ação especificada e indique o seu resultado A ação e a informação opcional associada são parte da definição de classe do objeto gerenciado Informações que devem estar disponíveis: lista ordenada das classes alomórficas especificação da ação a ser executada identificador da classe de objeto para suportar comportamento alomórfico 5. O que são compiladores de MIB? Cite as suas características. Compiladores de MIBs são aplicações capazes de carregar e compilar uma MIB, de forma a transformar suas informações de maneira que possam ser acessadas de um modo mais amigável para o ser humano, por meio de MIB browsers, graphers ou ferramentas de gerenciamento. Possui como características: Estas aplicações são consideradas aplicações genéricas. São aplicações simples que obtém toda a sua capacidade de gerenciamento através da análise de uma MIB, sem qualquer intervenção humana. A entrada para um compilador de MIBs é uma coleção de módulos de MIBs escritos em um subconjunto de linguagem ASN.1 Informações sobre os dispositivos da rede que podem ser manipulados através do protocolo SNMP Representações são declarações de estruturas de dados como em linguagens de programação de alto nível, Exemplo: C Com o grande número de MIBs padronizadas e MIBs proprietárias disponíveis atualmente, os compiladores de MIBs reduzem o esforço dos fornecedores para manterem suas aplicações atualizadas. 6. Quais são as sugestões dos membros das comunidades de padronização sobre a interface de gerenciamento com o usuário? Dê a sua opinião. Os membros das comunidades de padronização sugerem: Além das informações existentes, como tipo e descrição, as informações orientadas para a aplicação devem conter labels para tabelas ou gráficos, informações para formatação, valores-limiares (thresholds), texto de ajuda (help), e outras. Estas informações seriam lidas pela estação de gerenciamento, que as utilizaria para produzir uma melhor interface com o usuário para os objetos de gerenciamento SNMP. Na minha opinião as propostas realizadas pelas comunidades de padronização, se implementadas, podem oferecer uma evolução significativa para os sistemas de gerenciamento. 2

3 7. Resuma a utilização das informações orientadas para aplicação. A Utilização das Informações Orientadas para a Aplicação São lidas pela estação de gerenciamento. Algumas destas informações podem controlar como a aplicação vai exibir os dados coletados através do protocolo SNMP, enquanto outras informações podem ser exibidas para ajudar o usuário a entender o significado destes dados. As aplicações que utilizam estas novas facilidades não podem ser consideradas inteligentes, pois não são capazes de fazer recomendações para o usuário com base nos dados recebidos através do protocolo SNMP. Inteligência= MIB particular. MIBs proprietárias = MIBs padrão x 10, é muito difícil para os fabricantes de aplicações de gerenciamento de rede suportar todas as MIBs proprietárias. Para estas MIBs, as informações adicionadas orientadas para a aplicação são muito importantes. 8. Quais os dilemas relativos à forma de divulgação das informações de interface com os usuários? Os grupos de padronização são internacionais. Sendo assim, não é apropriado que um padrão definisse uma interface em inglês. Por outro lado, seria igualmente inadequado que um destes grupos de trabalho gaste um tempo enorme traduzido as informações de uma interface em 20 línguas diferentes, garantindo que todos os labels possam ser exibidos em uma tela de 80 colunas. 9. Quais as conclusões dos grupos de padronização, em relação à interface dos sistemas de gestão de rede com os usuários? A MIB é caracterizada pela sua estrutura e pelas operações realizadas, segundo definição da SMI. As MIBs da ISO e da Internet são modeladas através das técnicas de programação por objeto. A grande diferença entre estas MIBs reside nas hierarquias usadas para representar tais objetos. A hierarquia de registros é usada para identificar de maneira universal os objetos tanto nos casos da ISO como no caso da Internet. Em ambos, esta hierarquia é especificada seguindo as regras definidas pela notação ASN.1 usada na atribuição de identificadores de objetos. Arquitetura SNMP: possibilitou o monitoramento dos nós. não provocou a produção de aplicações de gerenciamento inteligentes. As informações de gerenciamento foram definidas em um nível muito baixo. Não foram produzidos documentos descrevendo como estes objetos podem ser usados no gerenciamento eficiente de uma rede. 3

4 A maioria das aplicações de gerenciamento é de browsers, que não possuem nenhuma inteligência. Por outro lado, alguns dos produtos desenvolvidos nos últimos anos possuem características mais inteligentes e portanto úteis do que estas ferramentas mais simples. 10. Defina SNMP. SNMP (Simple Network Management Protocol - Protocolo de Gerenciamento Simples de Rede), é um protocolo da camada de Aplicação da arquitetura TCP/IP utilizado para o gerenciamento de redes. 11. Qual arquitetura utiliza o protocolo SNMP para a realização do gerenciamento de redes? A arquitetura TCP/IP. 12. Qual protocolo da camada de Transporte é usado pelo SNMP? O protocolo UDP (User Datagram Protocol). 13. Qual a linguagem usada na sintaxe das mensagens do gerenciamento SNMP? A linguagem usada é a ASN Onde, geralmente, é instalado o cliente (client) de uma ferramenta de gerenciamento? O cliente (client) de uma ferramenta de gerenciamento é, geralmente, instalado na estação do operador que executa o monitoramento da rede ou sistema. 15. Onde é instalado o software de gerenciamento de rede? O software de gerenciamento é instalado em um servidor com requisitos de hardware e software suficientes para esta função. 16. Onde são instalados os agentes SNMP? São instalados nos elementos que desejamos gerenciar. Exemplo: roteadores, switches, servidores, etc Qual protocolo da camada de Transporte e porta são usados em uma operação de get SNMP? UDP porta Qual protocolo da camada de Transporte e porta são usados em uma operação de Trap SNMP? UDP porta

5 19. O que é OID? OID (Object Identifier Identificador de Objeto) é uma seqüência de números que identifica de forma única, e de forma universal, um elemento da MIB. 20. Com base nas figuras abaixo, determine: 1. A estrutura de MIB completa, incluindo o parâmetro, para: iso.org.dod.internet.mgmt.mib-2.interfaces.ifTable.ifEntry.ifDescr iso.org.dod.internet.mgmt.mib-2.system.sysUpTime iso.org.dod.internet.private.enterprises.sun.sunMib.sunSystem.agentDescr 2. A OID para: 1..iso.org.dod.internet.mgmt.mib-2.system.sysContact iso.org.dod.internet.private.enterprises.sun.sunMib.sunSystem.unixTime A empresa definida na estrutura: = HP = Sun = Compaq = Microsoft 5

6 raiz - root ccitt (0) iso (1) joint (2) org (3) dod (6) internet (1) directory (1) mgmt (2) experimental (3) private (4) security (5) mib-2 (1) system (1) interfaces (2) at (3) ip (4) icmp (5) tcp (6) sysdescr (1)... sysuptime (3) syscontact (4) ifnumber (1) iftable (2) ifentry (1) ifindex (1) ifdescr (2)... ifoperstatus (8) raiz - root ccitt (0) iso (1) joint (2) org (3) dod (6) internet (1) directory (1) mgmt (2) experimental (3) private (4) security (5) enterprise (1) hp (11) sun (42) compaq (232) microsoft (311) netscape (1450) sunmib (3) sunsystem (1) linksys (3955) agentdescr (1) hostid (2)... unixtime (4) 6

Gerenciamento de Redes - Evolução. Gerenciamento de Rede. Gerenciamento de Rede NOC NOC

Gerenciamento de Redes - Evolução. Gerenciamento de Rede. Gerenciamento de Rede NOC NOC s - Evolução 1970s 1970s 1980s 1980s Dispositivos 1990s 1990s Browser A Web Server Mainframe Estação Gerenciadora Browser C Browser B NOC (Network( Operation Center) Conjunto de atividades para manter

Leia mais

Revisão Gerenciar consiste em supervisionar e controlar seu funcionamento para que ele satisfaça aos requisitos tanto dos seus usuários quanto dos

Revisão Gerenciar consiste em supervisionar e controlar seu funcionamento para que ele satisfaça aos requisitos tanto dos seus usuários quanto dos Revisão Gerenciar consiste em supervisionar e controlar seu funcionamento para que ele satisfaça aos requisitos tanto dos seus usuários quanto dos seu proprietários. A sua rede deve está rigorosamente

Leia mais

Protótipo de Software de Gerência SNMP Para o Ambiente Windows NT

Protótipo de Software de Gerência SNMP Para o Ambiente Windows NT Protótipo de Software de Gerência SNMP Para o Ambiente Windows NT Aluno : André Mafinski Orientador : Prof. Sérgio Stringari ROTEIRO DA APRESENTAÇÃO - Introdução; - Gerenciamento de Redes; - Considerações;

Leia mais

Curso de extensão em Administração de redes com GNU/Linux

Curso de extensão em Administração de redes com GNU/Linux Eduardo Júnior Administração de redes com GNU/Linux Curso de extensão em Administração de redes com GNU/Linux Eduardo Júnior - ihtraum@dcc.ufba.br Gestores da Rede Acadêmica de Computação Departamento

Leia mais

INTERCONEXÃO DE REDES DE COMPUTADORES

INTERCONEXÃO DE REDES DE COMPUTADORES 1 INTERCONEXÃO DE REDES DE COMPUTADORES Parte 7 Introdução à Gerência de Redes Prof. Pedro S. Nicolletti (Peter), 2013 Resumo 2 Conceitos Básicos de SNMP Introdução Arquitetura MIB Segurança SNMPv1, SNMPv2

Leia mais

Gerência de Redes Padrões de Gerenciamento

Gerência de Redes Padrões de Gerenciamento Gerência de Redes Padrões de Gerenciamento Cássio D. B. Pinheiro pinheiro.cassio@ig.com.br cassio.orgfree.com Sumário Padronizações Gerência OSI Gerência TCP/IP SNMP MIB-II RMON SNMPv2 11/5/2007 Gerência

Leia mais

Redes de Computadores

Redes de Computadores Redes de Computadores Prof. Macêdo Firmino Princípios de Gerência de Redes Macêdo Firmino (IFRN) Redes de Computadores Maio de 2011 1 / 13 Introdução Foi mostrado que uma rede de computadores consiste

Leia mais

SNMP Simple Network Management Protocol Informações de Gerenciamento e MIBs

SNMP Simple Network Management Protocol Informações de Gerenciamento e MIBs Simple Network Management Protocol Informações de Gerenciamento e MIBs Carlos Gustavo A. da Rocha Informações de Gerenciamento Em qualquer sistema de gerenciamento é fundamental a existência de um banco

Leia mais

INTERCONEXÃO DE REDES DE COMPUTADORES

INTERCONEXÃO DE REDES DE COMPUTADORES 1 Resumo 2 INTERCONEXÃO DE REDES DE COMPUTADORES Parte 7 Introdução à Gerência de Redes Introdução Segurança SNMPv1, SNMPv2 Segurança SNMPv3 Prof. Pedro S. Nicolletti (Peter), 2013 Introdução 3 4 Com o

Leia mais

RMON Remote Network Monitoring

RMON Remote Network Monitoring RMON Remote Network Monitoring!"#$%&'(() $&*+, -. / /01 / 2 34 São dispositivos usados para estudar o trafego na rede como um todo, Produzem informação de sumário, incluindo estatísticas de erro, estatísticas

Leia mais

MIB (Management Information Base) Objetos Gerenciados Um objeto gerenciado é a visão abstrata.

MIB (Management Information Base) Objetos Gerenciados Um objeto gerenciado é a visão abstrata. MIB (Management Information Base) Objetos Gerenciados Um objeto gerenciado é a visão abstrata. A MIB é o conjunto dos objetos gerenciados. Basicamente são definidos três tipos de MIBs: MIB II, MIB experimental

Leia mais

Gerência de Redes de Computadores - SNMPv1 & SNMPv2c

Gerência de Redes de Computadores - SNMPv1 & SNMPv2c Gerência de Redes de Computadores - SNMPv1 & SNMPv2c Prof.: Helcio Wagner / Iguatemi Eduardo Agosto de 2009. p.1/50 Gerência Internet = Introdução Nos primórdios da Internet, as únicas ferramentas utilizadas

Leia mais

Capítulo 9. Gerenciamento de rede

Capítulo 9. Gerenciamento de rede 1 Capítulo 9 Gerenciamento de rede 2 Redes de computadores I Prof.: Leandro Soares de Sousa E-mail: leandro.uff.puro@gmail.com Site: http://www.ic.uff.br/~lsousa Não deixem a matéria acumular!!! Datas

Leia mais

Gerência de Redes e Serviços de Comunicação Multimídia

Gerência de Redes e Serviços de Comunicação Multimídia UNISUL 2013 / 1 Universidade do Sul de Santa Catarina Engenharia Elétrica - Telemática 1 Gerência de Redes e Serviços de Comunicação Multimídia Aula 4 Ferramentas de Gerência de Redes Sistema de Gerência

Leia mais

Redes de Computadores

Redes de Computadores Redes de Computadores Gestão de redes. Protocolo SNMP. Maio de 2010 1 Gestão de redes Gestão de redes refere-se neste contexto às actividades relacionadas com a manutenção do bom funcionamento de um conjunto

Leia mais

Rotina de Discovery e Inventário

Rotina de Discovery e Inventário 16/08/2013 Rotina de Discovery e Inventário Fornece orientações necessárias para testar a rotina de Discovery e Inventário. Versão 1.0 01/12/2014 Visão Resumida Data Criação 01/12/2014 Versão Documento

Leia mais

Rede de Computadores II

Rede de Computadores II Rede de Computadores II Slide 1 SNMPv1 Limitações do SNMPv1 Aspectos que envolvem segurança Ineficiência na recuperação de tabelas Restrito as redes IP Problemas com SMI (Structure Management Information)

Leia mais

SNMP Simple Network Management Protocol MIBs padrões

SNMP Simple Network Management Protocol MIBs padrões Simple Network Management Protocol MIBs padrões Carlos Gustavo A. da Rocha A MIB-II é definida na RFC 1213 e contém boa parte dos principais objetos gerenciáveis É dividida em uma série de grupos Neles

Leia mais

Sumário. Gerenciamento de Redes. Conceitos Básicos sobre os Protocolos SNMP e CMIP. Universidade Federal do Rio de Janeiro

Sumário. Gerenciamento de Redes. Conceitos Básicos sobre os Protocolos SNMP e CMIP. Universidade Federal do Rio de Janeiro 1 de 64 18/3/2007 18:23 Universidade Federal do Rio de Janeiro COPPE - Coordenação dos Programas de Pós-Graduação em Engenharia Programa de Engenharia Elétrica Gerenciamento de Redes Conceitos Básicos

Leia mais

Desafios de Gerência e Segurança de Redes

Desafios de Gerência e Segurança de Redes Desafios de Gerência e Segurança de Redes Elias Procópio Duarte Jr. DInfo /UFPR Itaipu - Julho de 2003 E.P. Duarte Jr. - UFPR Roteiro Sistemas Integrados de Gerência de Redes Funcionalidade O Desafio da

Leia mais

Cap. 02 Modelo de Informação

Cap. 02 Modelo de Informação Cap. 02 Modelo de Informação 2.1 Padrões de Gerência de Redes 2.2 Arquitetura da Solucão SNMP 2.3 Objetos, Instâncias e MIBs 2.4 MIB-2 2.5 Structure of Management Information (SMI v1) 2.6 SMI V2 Luís F.

Leia mais

Redes de Computadores

Redes de Computadores Redes de Computadores SNMP Simple Network Management Protocol 1 Histórico No final dos anos 70 não haviam protocolos de gerenciamento. A única ferramenta efetivamente usada para gerenciamento foi o Internet

Leia mais

Redes de Computadores. 1 Questões de múltipla escolha. TE090 - Prof. Pedroso. 17 de junho de 2015

Redes de Computadores. 1 Questões de múltipla escolha. TE090 - Prof. Pedroso. 17 de junho de 2015 TE090 - Prof. Pedroso 17 de junho de 2015 1 Questões de múltipla escolha Exercício 1: Suponha que um roteador foi configurado para descobrir rotas utilizando o protocolo RIP (Routing Information Protocol),

Leia mais

MSc Eliton Smith elitonsmith@gmail.com. Gerenciamento e Administração de Redes

MSc Eliton Smith elitonsmith@gmail.com. Gerenciamento e Administração de Redes MSc Eliton Smith elitonsmith@gmail.com Gerenciamento e Administração de Redes 2 Gerência de Redes ou Gerenciamento de Redes É o controle de qualquer objeto passível de ser monitorado numa estrutura de

Leia mais

Relatorio do trabalho pratico 2

Relatorio do trabalho pratico 2 UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA CATARINA INE5414 REDES I Aluno: Ramon Dutra Miranda Matricula: 07232120 Relatorio do trabalho pratico 2 O protocolo SNMP (do inglês Simple Network Management Protocol - Protocolo

Leia mais

Redes de Computadores

Redes de Computadores Redes de Computadores Gerenciamento de Redes Prof. Thiago Dutra Agenda n Introdução n O que Gerenciar? n Definição n Modelo de Gerenciamento n Infraestrutura de Gerenciamento

Leia mais

Objetivo Geral - Apender conceitos, protocolos e técnicas na gerencia de redes

Objetivo Geral - Apender conceitos, protocolos e técnicas na gerencia de redes Aula 5 - Projeto de Lei 2126/11 (Marco Civil da Internet). Gerência de Redes de Computadores Objetivo Geral - Apender conceitos, protocolos e técnicas na gerencia de redes Objetivos Específicos - Entender

Leia mais

O que são DNS, SMTP e SNM

O que são DNS, SMTP e SNM O que são DNS, SMTP e SNM O DNS (Domain Name System) e um esquema de gerenciamento de nomes, hierárquico e distribuído. O DNS define a sintaxe dos nomes usados na Internet, regras para delegação de autoridade

Leia mais

Gerência de Redes Modelo de Gerenciamento OSI. Douglas Duarte ddsbdc@gmail.com

Gerência de Redes Modelo de Gerenciamento OSI. Douglas Duarte ddsbdc@gmail.com Gerência de Redes Modelo de Gerenciamento OSI Douglas Duarte ddsbdc@gmail.com Sistema de Gerenciamento Genérico Elementos Gerenciados Agentes Gerentes Bancos de Dados de Informações Protocolos para troca

Leia mais

Software de gerenciamento do sistema Intel. Guia do usuário do Pacote de gerenciamento do servidor modular Intel

Software de gerenciamento do sistema Intel. Guia do usuário do Pacote de gerenciamento do servidor modular Intel Software de gerenciamento do sistema Intel do servidor modular Intel Declarações de Caráter Legal AS INFORMAÇÕES CONTIDAS NESTE DOCUMENTO SÃO RELACIONADAS AOS PRODUTOS INTEL, PARA FINS DE SUPORTE ÀS PLACAS

Leia mais

Anderson Alves de Albuquerque

Anderson Alves de Albuquerque SNMP (Simple Network Management Protocol) Anderson Alves de Albuquerque 1 Introdução: O que é SNMP (Basicamente): Através de variáveis ou estruturas certos acontecimentos podem ser contabilizados (contados).

Leia mais

Universidade Católica do Salvador CURSO DE BACHARELADO EM INFORMÁTICA

Universidade Católica do Salvador CURSO DE BACHARELADO EM INFORMÁTICA Universidade Católica do Salvador CURSO DE BACHARELADO EM INFORMÁTICA O Protocolo SNMP Por Lécia de Souza Oliveira Índice Página 2... O que é SNMP? Histórico Página 3 e 4... Estrutura Geral do Sistema

Leia mais

Arquitetura e Protocolos de Rede TCP/IP. Modelo Arquitetural

Arquitetura e Protocolos de Rede TCP/IP. Modelo Arquitetural Arquitetura e Protocolos de Rede TCP/IP Modelo Arquitetural Motivação Realidade Atual Ampla adoção das diversas tecnologias de redes de computadores Evolução das tecnologias de comunicação Redução dos

Leia mais

Gerenciamento de Equipamentos Usando o Protocolo SNMP

Gerenciamento de Equipamentos Usando o Protocolo SNMP Gerenciamento de Equipamentos Usando o Protocolo SNMP Diego Fraga Contessa, Everton Rafael Polina Departamento de Pesquisa e Desenvolvimento - CP Eletrônica S.A. Rua da Várzea 379 - CEP 91040-600 - Porto

Leia mais

Gerenciamento de Redes

Gerenciamento de Redes Gerenciamento de Redes As redes de computadores atuais são compostas por uma grande variedade de dispositivos que devem se comunicar e compartilhar recursos. Na maioria dos casos, a eficiência dos serviços

Leia mais

Notas da Aula 15 - Fundamentos de Sistemas Operacionais

Notas da Aula 15 - Fundamentos de Sistemas Operacionais Notas da Aula 15 - Fundamentos de Sistemas Operacionais 1. Software de Entrada e Saída: Visão Geral Uma das tarefas do Sistema Operacional é simplificar o acesso aos dispositivos de hardware pelos processos

Leia mais

Gerência de Redes. Arquitetura de Gerenciamento. filipe.raulino@ifrn.edu.br

Gerência de Redes. Arquitetura de Gerenciamento. filipe.raulino@ifrn.edu.br Gerência de Redes Arquitetura de Gerenciamento filipe.raulino@ifrn.edu.br Sistema de Gerência Conjunto de ferramentas integradas para o monitoramento e controle. Possui uma interface única e que traz informações

Leia mais

Redes de Computadores II

Redes de Computadores II Redes de Computadores II Slide 1 Gerenciamento de Redes Gerenciamento de redes inclui o fornecimento, a integração e a coordenação de hardware, software e elementos humanos para monitorar, testar, configurar,

Leia mais

INTERNET = ARQUITETURA TCP/IP

INTERNET = ARQUITETURA TCP/IP Arquitetura TCP/IP Arquitetura TCP/IP INTERNET = ARQUITETURA TCP/IP gatewa y internet internet REDE REDE REDE REDE Arquitetura TCP/IP (Resumo) É útil conhecer os dois modelos de rede TCP/IP e OSI. Cada

Leia mais

Monitorização da Rede. Simple Network Management Protocol (SNMP).

Monitorização da Rede. Simple Network Management Protocol (SNMP). Capítulo 15 Monitorização da Rede. Simple Network Management Protocol (SNMP). Uma das mais importantes tarefas de um administrador de uma rede informática é monitorizar o tráfego na rede, Detectar perdas

Leia mais

PROTÓTIPO DE UM SOFTWARE GERENCIADOR DO SERVIDOR WEB UTILIZANDO O PROTOCOLO SNMP

PROTÓTIPO DE UM SOFTWARE GERENCIADOR DO SERVIDOR WEB UTILIZANDO O PROTOCOLO SNMP PROTÓTIPO DE UM SOFTWARE GERENCIADOR DO SERVIDOR WEB UTILIZANDO O PROTOCOLO SNMP MARCIANO DOVAL DALLMANN Orientador: SÉRGIO STRINGARI Roteiro Introdução Objetivo Gerência de redes Protocolo SNMP Management

Leia mais

Action.NET. SNMP Manager Communication Protocol. Manual de Referência

Action.NET. SNMP Manager Communication Protocol. Manual de Referência SCLN212, Bloco D, Sala 101 Brasília DF CEP: 70.865-540 +55 61 3340-8486 contato@spinengenharia.com.br www.spinegenhria.com.br Action.NET SNMP Manager Communication Protocol Versão1.0.1 Manual de Referência

Leia mais

Rede d s d e d Com o pu p t u ado d r o es Conceitos Básicos M d o e d los o de d Re R de d s:

Rede d s d e d Com o pu p t u ado d r o es Conceitos Básicos M d o e d los o de d Re R de d s: Tecnologia em Redes de Computadores Redes de Computadores Professor: André Sobral e-mail: alsobral@gmail.com Conceitos Básicos Modelos de Redes: O O conceito de camada é utilizado para descrever como ocorre

Leia mais

Registo de resultados 1:

Registo de resultados 1: Licenciaturas em Informática e Gestão de Empresas, Engenharia de Telecomunicações e Informática e Engenharia Informática Redes Digitais III Relatório do 1º Guião Laboratorial para avaliação: Gestão de

Leia mais

PROTÓTIPO TIPO DE UM SOFTWARE AGENTE SNMP PARA REDE WINDOWS

PROTÓTIPO TIPO DE UM SOFTWARE AGENTE SNMP PARA REDE WINDOWS UNIVERSIDADE REGIONAL DE BLUMENAU BACHARELADO EM CIÊNCIAS DA COMPUTAÇÃO PROTÓTIPO TIPO DE UM SOFTWARE AGENTE SNMP PARA REDE WINDOWS Acadêmico: Luciano Waltrick Goeten Orientador: Prof. Sérgio Stringari

Leia mais

Capítulo 9 Gerenciamento de rede

Capítulo 9 Gerenciamento de rede Capítulo 9 Gerenciamento de rede Nota sobre o uso destes slides ppt: Estamos disponibilizando estes slides gratuitamente a todos (professores, alunos, leitores). Eles estão em formato do PowerPoint para

Leia mais

SMTP, POP, IMAP, DHCP e SNMP. Professor Leonardo Larback

SMTP, POP, IMAP, DHCP e SNMP. Professor Leonardo Larback SMTP, POP, IMAP, DHCP e SNMP Professor Leonardo Larback Protocolo SMTP O SMTP (Simple Mail Transfer Protocol) é utilizado no sistema de correio eletrônico da Internet. Utiliza o protocolo TCP na camada

Leia mais

Arquitetura e Protocolos de Rede TCP/IP. Modelo Arquitetural

Arquitetura e Protocolos de Rede TCP/IP. Modelo Arquitetural Arquitetura e Protocolos de Rede TCP/IP Modelo Arquitetural Agenda Motivação Objetivos Histórico Família de protocolos TCP/IP Modelo de Interconexão Arquitetura em camadas Arquitetura TCP/IP Encapsulamento

Leia mais

Redes. Pablo Rodriguez de Almeida Gross

Redes. Pablo Rodriguez de Almeida Gross Redes Pablo Rodriguez de Almeida Gross Conceitos A seguir serão vistos conceitos básicos relacionados a redes de computadores. O que é uma rede? Uma rede é um conjunto de computadores interligados permitindo

Leia mais

Protocolos de gerenciamento

Protocolos de gerenciamento Protocolos de gerenciamento Os protocolos de gerenciamento têm a função de garantir a comunicação entre os recursos de redes homogêneas ou não. Com esse requisito satisfeito, operações de gerenciamento

Leia mais

Gerenciamento de Redes e Interconexões

Gerenciamento de Redes e Interconexões Gerenciamento de Redes e Interconexões Prof. Marcos Monteiro, MBA http://www.marcosmonteiro.com.br contato@marcosmonteiro.com.br 1 Porque gerenciar? Controlar a complexidade Dimensao da rede Melhorar a

Leia mais

REDES DE COMPUTADORES E TELECOMUNICAÇÕES MÓDULO 16

REDES DE COMPUTADORES E TELECOMUNICAÇÕES MÓDULO 16 REDES DE COMPUTADORES E TELECOMUNICAÇÕES MÓDULO 16 Índice 1. SISTEMA OPERACIONAL DE REDE...3 1.1 O protocolo FTP... 3 1.2 Telnet... 4 1.3 SMTP... 4 1.4 SNMP... 5 2 1. SISTEMA OPERACIONAL DE REDE O sistema

Leia mais

Gerenciamento da rede ATM. Prof. José Marcos C. Brito

Gerenciamento da rede ATM. Prof. José Marcos C. Brito Gerenciamento da rede ATM Prof. José Marcos C. Brito 1 Princípios Gerais O SNMP (Simple Network Management Protocol) é o protocolo mais utilizado. Se o dispositivo ATM é gerenciado de uma estação de gerenciamento

Leia mais

SISTEMAS OPERACIONAIS

SISTEMAS OPERACIONAIS SISTEMAS OPERACIONAIS Turma de Redes AULA 06 www.eduardosilvestri.com.br silvestri@eduardosilvestri.com.br Estrutura do Sistema Operacional Introdução É bastante complexo a estrutura de um sistema operacional,

Leia mais

Técnicas de Gerencia de Redes

Técnicas de Gerencia de Redes Técnicas de Gerencia de Redes Revisão AV3 Parte 1: Conceitos e Melhores Práticas Parte 2: SNMP Parte 3: Mibs HR e HcDavis Parte 4: Zabbix Parte 5: Ferramentas de Rede 1 Parte 1: Conceitos e Melhores Práticas

Leia mais

Gerência e Segurança de Redes

Gerência e Segurança de Redes Gerência e Segurança de Redes Modelos filipe.raulino@ifrn.edu.br SNMP e CMIP SNMP x CMIP O ambiente de gerenciamento OSI é composto por gerentes, agentes e objetos gerenciados. Um gerente transmite operações

Leia mais

Manual de Instalação

Manual de Instalação Manual de Instalação Produto: n-control Versão: 4.3.1 Versão do Doc.: 1.2 Autor: Wagner Petri Data: 27/08/2010 Aplica-se à: Equipes internas NDDigital, Clientes e Revendas Alterado por: Release Note: Detalhamento

Leia mais

Redes de computadores e a Internet. Capítulo 9. Gerenciamento de rede 9-3. 2005 by Pearson Education

Redes de computadores e a Internet. Capítulo 9. Gerenciamento de rede 9-3. 2005 by Pearson Education Redes de computadores e a Internet Capítulo 9 Gerenciamento de rede 9-3 Gerenciamento de rede Objetivos do capítulo: Introdução ao gerenciamento de redes Motivação Componentes principais Ambiente de gerenciamento

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DO PARANÁ UFPR Bacharelado em Ciência da Computação

UNIVERSIDADE FEDERAL DO PARANÁ UFPR Bacharelado em Ciência da Computação SOFT DISCIPLINA: Engenharia de software AULA NÚMERO: 08 DATA: / / PROFESSOR: Andrey APRESENTAÇÃO O objetivo desta aula é apresentar e discutir conceitos relacionados a modelos e especificações. Nesta aula

Leia mais

Como manter uma rede com qualidade de serviço? Gerência de Rede. Visão Geral da Gerência de Redes. Importância de gerência de Redes. Cont.

Como manter uma rede com qualidade de serviço? Gerência de Rede. Visão Geral da Gerência de Redes. Importância de gerência de Redes. Cont. Gerência de Rede A importância estratégica crescente das redes envolve: Aplicações indispensáveis à organização Quanto mais complexo o ambiente maior o risco de coisas erradas acontecerem. Como manter

Leia mais

ARQUITETURAS DE GERENCIAMENTO. Baseado em slides gentilmente cedidos pelo Prof. João Henrique Kleinschmidt da UFABC.

ARQUITETURAS DE GERENCIAMENTO. Baseado em slides gentilmente cedidos pelo Prof. João Henrique Kleinschmidt da UFABC. ARQUITETURAS DE GERENCIAMENTO Baseado em slides gentilmente cedidos pelo Prof. João Henrique Kleinschmidt da UFABC. Introdução 2 A gerência de redes é decomposta nas tarefas de monitoração e controle das

Leia mais

CAMADA DE TRANSPORTE

CAMADA DE TRANSPORTE Curso Técnico de Redes de Computadores Disciplina de Fundamentos de Rede CAMADA DE TRANSPORTE Professora: Juliana Cristina de Andrade E-mail: professora.julianacrstina@gmail.com Site: www.julianacristina.com

Leia mais

Ficha de Trabalho Prático Nº1- Parte II Gestão de Redes Internet. Ferramentas SNMP.

Ficha de Trabalho Prático Nº1- Parte II Gestão de Redes Internet. Ferramentas SNMP. Universidade do Minho - Dep. to Informática MIECOM, 4º Ano - 2º Semestre, 2009/2010 Gestão de Redes Ficha de Trabalho Prático Nº1- Parte II Gestão de Redes Internet. Ferramentas SNMP. Objectivos: Familiarização

Leia mais

MÓDULO 8 Modelo de Referência TCP/IP

MÓDULO 8 Modelo de Referência TCP/IP MÓDULO 8 Modelo de Referência TCP/IP A internet é conhecida como uma rede pública de comunicação de dados com o controle totalmente descentralizado, utiliza para isso um conjunto de protocolos TCP e IP,

Leia mais

Redes de Computadores. Prof. André Y. Kusumoto andrekusumoto.unip@gmail.com

Redes de Computadores. Prof. André Y. Kusumoto andrekusumoto.unip@gmail.com Redes de Computadores Prof. André Y. Kusumoto andrekusumoto.unip@gmail.com Nível de Aplicação Responsável por interagir com os níveis inferiores de uma arquitetura de protocolos de forma a disponibilizar

Leia mais

Redes de Computadores. 1 Questões de múltipla escolha. TE090 - Prof. Pedroso. 30 de novembro de 2010. Exercício 1: Considere:

Redes de Computadores. 1 Questões de múltipla escolha. TE090 - Prof. Pedroso. 30 de novembro de 2010. Exercício 1: Considere: TE090 - Prof. Pedroso 30 de novembro de 2010 1 Questões de múltipla escolha Exercício 1: Considere: I. O serviço de DNS constitui-se, em última instância, de um conjunto de banco de dados em arquitetura

Leia mais

Linguagem de Programação Orientada a Objeto. Introdução a Orientação a Objetos Professora Sheila Cáceres

Linguagem de Programação Orientada a Objeto. Introdução a Orientação a Objetos Professora Sheila Cáceres Linguagem de Programação Orientada a Objeto Introdução a Orientação a Objetos Professora Sheila Cáceres Introdução a Orientação a Objetos No mundo real, tudo é objeto!; Os objetos se relacionam entre si

Leia mais

1. Introdução à Gerência

1. Introdução à Gerência 1. Introdução à Gerência 1 Gerência de redes: conjunto de ferramentas, procedimentos e políticas usadas para manter o funcionamento, saúdee eficiênciade uma rede, independente de seu tamanho ou finalidade.

Leia mais

1. Introdução à Gerência

1. Introdução à Gerência 1. Introdução à Gerência Gerência de redes: conjunto de ferramentas, procedimentos e políticas usadas para manter o funcionamento, saúdee eficiênciade uma rede, independente de seu tamanho ou finalidade.

Leia mais

DESENVOLVIMENTO DE UM PROTÓTIPO DE MIB-BROWSER EM DELPHI

DESENVOLVIMENTO DE UM PROTÓTIPO DE MIB-BROWSER EM DELPHI UNIVERSIDADE DO PLANALTO CATARINENSE DEPARTAMENTO DE CIÊNCIAS EXATAS E TECNOLÓGICAS CURSO DE INFORMÁTICA (BACHARELADO) DESENVOLVIMENTO DE UM PROTÓTIPO DE MIB-BROWSER EM DELPHI Relatório do Trabalho de

Leia mais

Aula 07 - Ferramentas para Administração e Gerência de Redes

Aula 07 - Ferramentas para Administração e Gerência de Redes Arquitetura do Protocolo da Internet Aula 07 - Ferramentas para Administração e Gerência de Redes Prof. Esp. Camilo Brotas Ribeiro cribeiro@catolica-es.edu.br Revisão AS ou SA; IGP e EGP; Vetor de Distância,

Leia mais

REDES DE COMPUTADORES Prof. Ricardo Rodrigues Barcelar http://www.ricardobarcelar.com.br

REDES DE COMPUTADORES Prof. Ricardo Rodrigues Barcelar http://www.ricardobarcelar.com.br - Aula 2 - MODELO DE REFERÊNCIA TCP (RM TCP) 1. INTRODUÇÃO O modelo de referência TCP, foi muito usado pela rede ARPANET, e atualmente usado pela sua sucessora, a Internet Mundial. A ARPANET é de grande

Leia mais

PROTOCOLO 802.1X COM FRERADIUS FACULDADE DE TECNOLOGIA SENAC GOIÁS GESTÃO EM TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO

PROTOCOLO 802.1X COM FRERADIUS FACULDADE DE TECNOLOGIA SENAC GOIÁS GESTÃO EM TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO FACULDADE DE TECNOLOGIA SENAC GOIÁS GESTÃO EM TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO WISLIY LOPES JULIANO PIROZZELLI TULIO TSURUDA LUIZ GUILHERME MENDES PROTOCOLO 802.1X COM FRERADIUS GOIÂNIA JUNHO DE 2014 Sumário 1.

Leia mais

Top-Down Network Design

Top-Down Network Design Top-Down Network Design Chapter Nine Developing Network Management Strategies Copyright 2010 Cisco Press & Priscilla Oppenheimer Gerencia da Rede Contribui para atingir os objetivos dos requisitos Contribui

Leia mais

Módulo de Transmissão e Ativos de Rede Curso Técnico de Informática. Prof. George Silva

Módulo de Transmissão e Ativos de Rede Curso Técnico de Informática. Prof. George Silva Módulo de Transmissão e Ativos de Rede Curso Técnico de Informática Prof. George Silva FTIN FORMAÇÃO TÉCNICA EM INFORMÁTICA COMPONENTES ATIVOS DE REDES AULA 04 Objetivo Entender o encapsulamento de dados

Leia mais

UTILIZAÇÃO DO SOFTWARE LIVRE CACTI PARA GERENCIAMENTO DE REDES LOCAIS DE COMPUTADORES

UTILIZAÇÃO DO SOFTWARE LIVRE CACTI PARA GERENCIAMENTO DE REDES LOCAIS DE COMPUTADORES UTILIZAÇÃO DO SOFTWARE LIVRE CACTI PARA GERENCIAMENTO DE REDES LOCAIS DE COMPUTADORES Filipe Herbert da Silva 1, Marco Aurélio G. de Almeida 1, Jonhson de Tarso Silva 1, Karina Buttignon 1 1 Fatec Guaratinguetá,

Leia mais

Programação para Web Artefato 01. AT5 Conceitos da Internet

Programação para Web Artefato 01. AT5 Conceitos da Internet Programação para Web Artefato 01 AT5 Conceitos da Internet Histórico de revisões Data Versão Descrição Autor 24/10/2014 1.0 Criação da primeira versão HEngholmJr Instrutor Hélio Engholm Jr Livros publicados

Leia mais

Prof.: Clayton Maciel Costa clayton.maciel@ifrn.edu.br

Prof.: Clayton Maciel Costa clayton.maciel@ifrn.edu.br Programação com acesso a BD Prof.: Clayton Maciel Costa clayton.maciel@ifrn.edu.br 1 Modelos de Dados, Esquemas e Instâncias 2 Modelos de Dados, Esquemas e Instâncias Modelo de dados: Conjunto de conceitos

Leia mais

Estilos Arquiteturais. Estilos Arquiteturais. Exemplos de Estilos Arquiteturais. Estilo: Pipe e Filtros

Estilos Arquiteturais. Estilos Arquiteturais. Exemplos de Estilos Arquiteturais. Estilo: Pipe e Filtros Em geral sistemas seguem um estilo, ou padrão, de organização estrutural Os estilos diferem: nos tipos de componentes que usa na maneira como os componentes interagem com os outros (regras de interação)

Leia mais

Gerência de Redes: Modelos de Gerência de Redes: Modelo FCAPS: Ferramentas de Gerência de Redes:

Gerência de Redes: Modelos de Gerência de Redes: Modelo FCAPS: Ferramentas de Gerência de Redes: Gerência de Redes: - Gerência de redes é o monitoramento de qualquer estrutura física e/ou lógica de uma rede. É de extrema importância esse gerenciamento para que se obtenha um bom fluxo no tráfego das

Leia mais

Centro Universitário Fundação Santo André. Disciplina Redes de Computadores. Módulo 08

Centro Universitário Fundação Santo André. Disciplina Redes de Computadores. Módulo 08 Centro Universitário Fundação Santo André Disciplina Redes de Computadores Módulo 08 2006 V1.0 Conteúdo Arquitetura de Gerenciamento Porque Gerenciar a Rede Corporativa? Componentes MIB - Management Information

Leia mais

LDAP - Tópicos. O que é um Diretório? Introdução. História do LDAP. O que é o LDAP? 5/22/2009

LDAP - Tópicos. O que é um Diretório? Introdução. História do LDAP. O que é o LDAP? 5/22/2009 LDAP - Tópicos Leoncio Regal Dutra Mestre em Engenharia Elétrica Telecomunicações leoncioregal@gmail.com Introdução Definições Funcionamento Segurança Otimizações do LDAP Exemplos Conclusão 2 Introdução

Leia mais

Modelos de Camadas. Professor Leonardo Larback

Modelos de Camadas. Professor Leonardo Larback Modelos de Camadas Professor Leonardo Larback Modelo OSI Quando surgiram, as redes de computadores eram, em sua totalidade, proprietárias, isto é, uma determinada tecnologia era suportada apenas por seu

Leia mais

Especificações da oferta Gerenciamento de dispositivos distribuídos: Gerenciamento de ativos

Especificações da oferta Gerenciamento de dispositivos distribuídos: Gerenciamento de ativos Visão geral do Serviço Especificações da oferta Gerenciamento de dispositivos distribuídos: Gerenciamento de ativos Os Serviços de gerenciamento de dispositivos distribuídos ajudam você a controlar ativos

Leia mais

Capítulo 9 - Conjunto de Protocolos TCP/IP e Endereçamento. Associação dos Instrutores NetAcademy - Julho de 2007 - Página

Capítulo 9 - Conjunto de Protocolos TCP/IP e Endereçamento. Associação dos Instrutores NetAcademy - Julho de 2007 - Página Capítulo 9 - Conjunto de Protocolos TCP/IP e Endereçamento IP 1 História e Futuro do TCP/IP O modelo de referência TCP/IP foi desenvolvido pelo Departamento de Defesa dos Estados Unidos (DoD). O DoD exigia

Leia mais

SQL Linguagem de Definição de Dados. Banco de Dados Profa. Dra. Cristina Dutra de Aguiar Ciferri

SQL Linguagem de Definição de Dados. Banco de Dados Profa. Dra. Cristina Dutra de Aguiar Ciferri SQL Linguagem de Definição de Dados Banco de Dados SQL Structured Query Language Uma das mais importantes linguagens relacionais (se não a mais importante) Exemplos de SGBD que utilizam SQL Oracle Informix

Leia mais

NORMAS PARA O USO DE SISTEMA DE PROTEÇÃO FIREWALL DE PERÍMETRO NO ÂMBITO DA REDE INFOVIA-MT

NORMAS PARA O USO DE SISTEMA DE PROTEÇÃO FIREWALL DE PERÍMETRO NO ÂMBITO DA REDE INFOVIA-MT CONSELHO SUPERIOR DO SISTEMA ESTADUAL DE E TECNOLOGIA DA NORMAS PARA O USO DE SISTEMA DE PROTEÇÃO FIREWALL DE PERÍMETRO NO ÂMBITO DA REDE INFOVIA-MT 1/10 CONSELHO SUPERIOR DO SISTEMA ESTADUAL DE E TECNOLOGIA

Leia mais

REDES DE COMPUTADORES. Analise de Redes

REDES DE COMPUTADORES. Analise de Redes A infraestrutura do gerenciamento de rede O gerenciamento de rede exige a capacidade de "monitorar, testar, consultar, configurar e controlar" os componentes de hardware e software de uma rede. Como os

Leia mais

Gerenciamento de Redes de Computadores

Gerenciamento de Redes de Computadores Gerenciamento de Redes de Computadores José Maurício dos Santos Pinheiro Versão 2.0 Agosto 2002 ÍNDICE Introdução... 4 Capítulo 1 - Gerenciamento em Redes de Computadores... 6 1.0 Gerência de Redes...

Leia mais

Roteiro de Atividades para o curso L610

Roteiro de Atividades para o curso L610 Roteiro de Atividades para o curso L610 Administração de Redes Unix 1. Dedicação Estimada Este curso requer de 24 a 32 horas de dedicação para ser concluído com sucesso. Isso não significa que o aluno

Leia mais

REDES DE COMPUTADORES

REDES DE COMPUTADORES REDES DE COMPUTADORES 09/2013 Cap.3 Protocolo TCP e a Camada de Transporte 2 Esclarecimentos Esse material é de apoio para as aulas da disciplina e não substitui a leitura da bibliografia básica. Os professores

Leia mais

Eduardo Bezerra. Editora Campus/Elsevier

Eduardo Bezerra. Editora Campus/Elsevier Princípios de Análise e Projeto de Sistemas com UML 2ª edição Eduardo Bezerra Editora Campus/Elsevier Capítulo 11 Arquitetura do sistema Nada que é visto, é visto de uma vez e por completo. --EUCLIDES

Leia mais

Capítulo 8 - Aplicações em Redes

Capítulo 8 - Aplicações em Redes Capítulo 8 - Aplicações em Redes Prof. Othon Marcelo Nunes Batista Mestre em Informática 1 de 31 Roteiro Sistemas Operacionais em Rede Modelo Cliente-Servidor Modelo P2P (Peer-To-Peer) Aplicações e Protocolos

Leia mais

SolarWinds Kiwi Syslog Server

SolarWinds Kiwi Syslog Server SolarWinds Kiwi Syslog Server Monitoramento de syslog fácil de usar e econômico O Kiwi Syslog Server oferece aos administradores de TI o software de gerenciamento mais econômico do setor. Fácil de instalar

Leia mais

Objetivos: Sun recomenda que utilize o nome de domínio da Internet da empresa, para garantir um nome de pacote único

Objetivos: Sun recomenda que utilize o nome de domínio da Internet da empresa, para garantir um nome de pacote único Pacotes e Encapsulamento Prof. Bruno Gomes bruno.gomes@ifrn.edu.br Programação Orientada a Objetos Introdução Permite o agrupamento de classes em uma coleção chamada pacote Um pacote é uma coleção de classes

Leia mais

Protocolo. O que é um protocolo? Humano: que horas são? eu tenho uma pergunta

Protocolo. O que é um protocolo? Humano: que horas são? eu tenho uma pergunta Protocolo O que é um protocolo? Humano: que horas são? eu tenho uma pergunta Máquina: Definem os formatos, a ordem das mensagens enviadas e recebidas pelas entidades de rede e as ações a serem tomadas

Leia mais

ANEXO II MDMW3 SNMP X CMIP

ANEXO II MDMW3 SNMP X CMIP SNMP X CMIP Uma comparação entre o SNMP e o CMIP demonstra que o SNMP é excessivamente simplesquando usado em aplicações que não foram previstas quando foi definido, e que apresentadeficiências em relação

Leia mais

SISTEMAS DISTRIBUIDOS

SISTEMAS DISTRIBUIDOS 1 2 Caracterização de Sistemas Distribuídos: Os sistemas distribuídos estão em toda parte. A Internet permite que usuários de todo o mundo acessem seus serviços onde quer que possam estar. Cada organização

Leia mais

Centro Universitário Fundação Santo André. Disciplina Redes de Computadores. Módulo 08

Centro Universitário Fundação Santo André. Disciplina Redes de Computadores. Módulo 08 Centro Universitário Fundação Santo André Disciplina Redes de Computadores Módulo 08 2006 V1.0 Conteúdo Arquitetura de Gerenciamento Porque Gerenciar a Rede Corporativa? Gerenciamento TCP/IP Componentes

Leia mais

Evolução na comunicação. Organização de uma viagem aérea. Camadas de Protocolos. Camadas de Funcionalidade da companhia aérea. Por que as Camadas?

Evolução na comunicação. Organização de uma viagem aérea. Camadas de Protocolos. Camadas de Funcionalidade da companhia aérea. Por que as Camadas? s de Computadores Arquitetura e odelos de Referência odelo OSI/ISO odelo TCP/IP Evolução na comunicação Comunicação sempre foi uma necessidade humana, buscando aproximar comunidades distantes Sinais de

Leia mais