DIRETORIA DE GESTÃO - DG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "DIRETORIA DE GESTÃO - DG"

Transcrição

1 1. DO OBJETO TERMO DE REFERÊNCIA DGT/009/2013 Prestação de Serviços de Service Desk Contratação de pessoa jurídica para prestação de serviços técnicos na área de tecnologia da informação - Service Desk - conforme as especificações, previsões e exigências contidas neste Termo de Referência. 2. JUSTIFICATIVA 2.1 Justificativa Estratégica O Plano de Melhoria de Desempenho PMD e as metas definidas no Contrato de Metas de Desempenho Empresarial - CMDE exigem maior agilidade na área de TI para solucionar os problemas nos equipamentos e redes que compõem a TI corporativa da Eletrobras Distribuição Rondônia EDRO. Este projeto está em conformidade com o que o CMDE institui: Cláusula Segunda: Dos Objetivos Permanentes da Controlada (...) I) promover maiores níveis de eficiência e eficácia, propiciando melhores resultados empresariais (..) III) buscar a excelência de gestão corporativa (...) Cláusula Terceira: Das Obrigações da Controlada (...) manter sistemas de informação que permitem à Eletrobras o acompanhamento e o controle das ações e programas objeto do presente CMDE. (...) Em auditoria efetuada pela PRICE há observações quanto aos acordos de níveis de serviços prestados pela TI da EDRO aos seus clientes internos. 2.2 Justificativa Técnica A Central de Serviços (Service Desk), em conformidade com a biblioteca ITIL, é uma função dentro da TI e tem como principal objetivo ser o ponto único de contato entre os usuários e o departamento de TI. O atendimento ao público, ainda que interno, requer constante padrão de comunicação e de relacionamento e exige um contingente da infraestrutura de pessoal, desta forma faz-se necessária a contratação de mão de obra especializada visando prestação de serviços de manutenção corretiva e preventiva de microcomputadores, impressoras, notebooks, scanner, projetores multimídias, sistemas operacionais para clientes, softwares corporativos proprietários ou abertos, etc. Página: 1 Versão: 3

2 Como estratégia de operação é recomendável separar, no âmbito das operações de TI, quem faz parte do atendimento aos usuários de quem realiza as atividades de resolução de problemas e desenvolvimento. Contar com uma área específica para o suporte operacional representa forças e oportunidades tanto para o usuário quanto para a equipe de TI. Para o usuário, maior agilidade e qualidade no suporte, clientes potenciais adicionais, mudanças culturais e novas tecnologias a incorporar. Para a equipe de TI, aumento da eficiência, tendo em vista que os técnicos especialistas não são constantemente interrompidos pelas chamadas diretas dos usuários, diante de novos métodos de atendimento. Envolvem também o atendimento aos usuários da rede e o suporte, instalação e desinstalação de softwares de base da plataforma tecnológica que possibilita um retorno de forma rápida dos serviços quando estiverem indisponíveis com a busca da excelência na qualidade dos serviços prestados, no desempenho e na segurança das informações disponíveis nesses equipamentos. 3. BENEFÍCIOS E RESULTADOS ESPERADOS Melhora do canal de comunicação com o usuário e consequentemente aumento da satisfação com os produtos e serviços ofertados pela Gerência de Tecnologia da Informação e Telecomunicações da Eletrobras Distribuição Rondônia. Aumento da capacidade de atendimento aos usuários, isto é, a eficiência, e redução do tempo e custos operacionais, com maior disponibilidade e estabilidade dos serviços de infraestrutura de TI. Redução do tempo de solução das ocorrências reportadas; Redução da quantidade de incidentes relacionados às alterações tempestivas e não planejadas; Mensuração dos atendimentos e geração de dados históricos dos incidentes e problemas; Redução de riscos de interrupção de serviços e sistemas devido o gerenciamento de mudanças e entregas; e, eficácia, eficiência, economicidade, isonomia, padronização, produtividade. Serviço dedicado e especializado em instalação, configuração, suporte e manutenção de softwares e equipamentos de microinformática e telecomunicação; abrangendo desde a instalação física, configuração do software do proprietário do fabricante, sistema operacional, configuração de sistemas departamentais e corporativos, periféricos; e demais ações necessárias à utilização dos recursos tecnológicos disponibilizados as cliente EDRO para o desenvolvimento de suas atividades na empresa. Assegurar a continuidade das atividades desenvolvidas nos equipamentos de informática da empresa em benefício da sociedade com o suporte mais confiável para os negócios. Página: 2 Versão: 3

3 4. DETALHAMENTO DO OBJETO 4.1 Serviços a serem realizados Suporte técnico ou Service Desk: Entende-se por suporte técnico, os serviços de a- tendimento e apoio aos usuários na utilização de programas (softwares) e equipamentos de microinformática (hardwares), incluindo: instalação, configuração, diagnóstico e solução de problemas relacionados ao uso dos programas e equipamentos, como também, a configuração e reparos na infraestrutura da rede de dados; O suporte técnico de software não se confunde com os contratos de manutenção e suporte de software que a EDRO mantém com os fabricantes, fornecedores ou representantes devidamente credenciados pelo fabricante dos softwares especificados neste instrumento. Os contratos citados anteriormente garantem a atualização de versões e as correções de falhas e/ou adequações necessárias ao funcionamento dos softwares implantados na empresa; Apoio técnico para hardware, incluindo instalação, configuração, diagnóstico e solução de problemas relacionados ao uso de equipamentos e periféricos de microinformática; Apoio técnico para softwares licenciados e homologados pela EDRO, incluindo instalação, configuração, diagnóstico e solução de problemas relacionados ao uso dos programas de microinformática; Instalação, configuração de equipamentos e periféricos de microinformática como microcomputador, notebook, impressora, scanner, dispositivo de armazenamento externo, webcam, mouse, teclado, modems, projetores, aparelhos de telefonia IP, e- quipamentos de videoconferência, entre outros; Instalação, substituição e configuração de componentes nos computadores (componentes: memória, disco rígido, placa de expansão, placa de rede, placa de vídeo, placa de áudio, entre outros); Instalação e organização de cabos e conexões dos equipamentos de informática; Instalação e configuração de equipamentos e componentes básicos de rede (hub, switch, roteadores, entre outros); Confecção, instalação e identificação de cabos de redes utilizados na EDRO (crimpagem, distribuição e organização de cabos); Suporte à rede corporativa da empresa, realizando passagem de cabos por forro, piso falso ou canaletas já instaladas, crimpagem de conectores, instalação de tomadas Página: 3 Versão: 3

4 de conexão, teste de cabos, instalação, resets ou remanejamento de equipamentos de comunicação da rede (hubs, switches, entre outros); Diagnóstico e solução de problemas nos equipamentos de microinformática, relacionados a vírus, ataques, intrusão, e outros programas que ameaçam a integridade dos dados existentes nos equipamentos; Diagnóstico e solução de problemas de acesso à Internet e (inerentes aos e- quipamentos de microinformática); Instalação, configuração e atualização dos sistemas de informação departamentais e corporativos da EDRO nos equipamentos de microinformática; Instalação, configuração e atualização de softwares licenciados utilizados pela EDRO, como por exemplo: Softwares da Microsoft, Adobe, Navegadores WEB, Clientes Java, Citrix, entre outros; Esclarecimento básico de dúvidas de utilização do sistema operacional Microsoft Windows, das suas ferramentas e dos aplicativos; Esclarecimento e configuração de compartilhamento de arquivos entre computadores da rede corporativa da EDRO; Esclarecimento básico de dúvidas de utilização dos aplicativos Microsoft Office; Orientação ao usuário quanto ao melhor uso do equipamento; Orientação e esclarecimento ao usuário, na realização de backup dos arquivos importantes da EDRO; Contato, abertura e gerenciamento dos chamados realizados aos fabricantes de produtos que estão em período de garantia; Realizar visitas técnicas as localidades contempladas no escopo do serviço, quando acionados pela contratante ou conforme cronograma estabelecido entre as partes; Realizar periodicamente conferência do inventário de equipamento levantado automaticamente através de software; Diagnóstico e solução de problemas nos equipamentos de microinformática, relacionados à substituição de peças danificadas que serão adquiridas pela PROPONENTE, conforme especificação técnica definida pelos analistas da EDRO; Página: 4 Versão: 3

5 Instalação, configuração, atualização e administração dos recursos de tecnologia da informação da EDRO Suporte em Operação de teleconferência e videoconferência, suporte em operação de impressoras laser e suporte de apoio a usuários Controlar a utilização da sala de vídeo conferência (agenda das transmissões - planilha de eventos), responsabilizando-se pelo agendamento junto à DTCOM dos horários de vídeo conferência e demais atividades relacionadas à sala, sempre de acordo com a programação informada pela área de Desenvolvimento de Pessoas e Treinamento Operacionalizar todos os equipamentos de tele e vídeo conferência, e responsabilizar-se pela adequada transmissão de palestras, treinamentos, vídeos conferências, teleconferências, e demais eventos relacionados à TV LUME Manter contato constante com a área de Serviços Gerais a respeito da necessidade de limpeza, instalação ou troca de lâmpadas, climatização, atendimento aos participantes dos eventos durante as transmissões, funcionalidade dos equipamentos e demais necessidades relacionadas ao ambiente de transmissão e recepção da TV LUME, zelando pelas perfeitas condições dos equipamentos e ambiente destinados aos mesmos Gerar manuais básicos, sob aprovação dos profissionais da Eletrobras Distribuição Rondônia, direcionados a operação da câmera e de interconexões com aparelhos periféricos Zelar pela correta utilização e conservação dos aparelhos de vídeo e tele conferência e pelo andamento dos eventos relacionados à TV LUME, responsabilizando-se pelos danos decorrentes de sua má utilização e atrasos nas transmissões de eventos relacionados à TV LUME que venham causar Interagir com as demais gerências envolvidas nos eventos (DGP, PRC, DGA e DGT), no âmbito operacional, além de treinar os colaboradores, sob supervisão dos profissionais da Eletrobras Distribuição Rondônia quanto a assuntos referentes à o- peracionalização de uma videoconferência e/ou uma teleconferência Estar atento ao esquema de agenda e horários (fusos horários diferenciados) de e- ventos da TV LUME antecipando-se a qualquer falha de comunicação; Disponibilizar junto com as áreas competentes, com a devida antecedência, todos os equipamentos necessários para atendimento à programação que lhe for passada, responsabilizando-se por viabilizar a estrutura adequada ao atendimento da programação dos cursos, palestras, vídeo e tele conferências e demais eventos realizados pela TV LUME. Todas as atividades realizadas pelos técnicos serão direcionadas e supervisionadas pelo analista gestor do contrato na EDRO e deverão ser registradas detalhadamente em sistema de informação designado pela EDRO. O sistema será acessível através da rede corporativa da empresa e sua u- tilização será orientada pelos analistas da EDRO. 4.2 Local para prestação dos serviços Página: 5 Versão: 3

6 Os serviços de atendimento e suporte técnico a ser contratado, serão ser executados nas dependências da Eletrobras Distribuição Rondônia (Edifício Sede e Escritórios). A Central de Service Desk será única, localizada no prédio SEDE da Eletrobras Rondônia situada à Av. dos Imigrantes 4137 Porto Velho Rondônia. 4.3 Técnicos dedicados à realização dos serviços e Locais de atuação Independente do quantitativo de atendentes necessários para atender a demanda apresentada, a CONTRATADA deverá manter no mínimo 04 (quatro) técnicos disponíveis no período contratado, uma vez que a alocação de um número inferior, em algum momento, poderá prejudicar a eficiência dos serviços. ITEM DESCRIÇÃO 01 Técnico de Atendimento BASE do Técnico Porto Velho SEDE Local de Execução dos Serviços Todas as Localidades QTDE Mínima Localidades, Equipamentos e softwares Tabela descritiva das localidades que compõem a rede corporativa. Localidades Quantidade de Equipamentos Prédio SEDE Porto velho 367 Prédio Comercial Centro Porto Velho 156 Prédio Tiradentes Bairro Industrial 16 Prédio Comercial Bairro Juscelino Kubitschek 4 Prédio Shopping Cidadão Centro Porto Velho 3 Extrema 2 Guajará-Mirim 16 Nova-Mamoré 2 Jaci-Paraná 1 Candeias do Jamari 2 Itapuã do Oeste 2 Cujubim 2 Alto Paraíso 1 Rio Crespo 1 Ariquemes 30 Monte Negro 2 Buritis 5 Campo Novo de Rondônia 2 Distrito de Triunfo 1 Cacaulândia 1 Machadinho D Oeste 4 Vale do Anari 1 Theobroma 1 Jaru 16 Página: 6 Versão: 3

7 Ouro Preto 16 Mirante da Serra 2 Vale do Paraíso 1 Ji-paraná 70 Urupá 4 Presidente Médici 2 Alvorada D Oeste 2 Governador Jorge Teixeira 1 Nova União 1 Teixeirópolis 1 Cacoal 57 Ministro Andreazza 1 Alta Floresta 5 Nova Brasilândia 4 Rolim de Moura 25 Novo Horizonte 1 São Felipe 1 Alto Alegre 1 Santa Luzia 1 São Miguel do Guaporé 11 Seringueiras 1 São Francisco 2 Costa Marques 2 São Domingos 1 Parecis 1 Pimenta Bueno 19 Primavera 1 Espigão do Oeste 5 Vilhena 30 Colorado 16 Cerejeiras 5 Pimenteiras 1 Cabixi 1 Corumbiara 1 Chupinguaia 1 NOTEBOOKS Diversas Localidades 175 IMRESSORAS Diversas localidades, marcas e modelos 225 Total de equipamentos 1332 Total de localidades 59 Softwares utilizados nas estações de trabalho. FUNCIONALIDADE DESCRIÇÃO Antivirus Trendmicro Engenharia Autocad 2007 e Autocad Civil 3D 2010 Página: 7 Versão: 3

8 Desenvolvimento Microsoft Visual Studio Desenvolvimento Power Builder 8.0 Suite de Escritório OFFICE 2007 e OFFICE 2010 Leitor de Webmail e Outlook Visualizador de PDF Acobat Reader Navegadorers de Internet Internet Explorer, Firefox e Google Chrome Plugins Adobe Flash Player, Java, Adobe Shockwave Player, Citrix Web Navegador de Mapas por Satélite Google Earth Agente de Inventário OCS Inventory NG Agent Sistemas Operacionais Windows XP, Windows 7 e Windows 8 Compactador 7 Zip e WinZip Gravador de PDF PDF Creator e Adobe PDF Ambiente de rede FUNCIONALIDADE DESCRIÇÃO corporativo Exchange 2010 Controlador de Domínio Microsoft Active Directory Windows 2008 Server Proxy Server Microsoft TMG 4.5 Requisitos, Características e Responsabilidades dos Profissionais Formação, Conhecimento e Experiência. ITEM DESCRIÇÃO Técnico de Atendimento 01 Nível de Ensino: Nível Médio Completo X 02 Formação Escolar: Técnico de Informática ou Superior X 03 Curso: Infraestrutura de Rede X 04 Curso: Windows Client (XP, Windows 7) X 05 Curso: Manutenção de Hardware X 06 Curso: Auxiliar de Montagem e Manutenção de Computadores X 07 Curso: Micro Informática X 08 Curso: Rede de Computadores X 09 Curso: Cabeamento Estruturado X 10 Habilitação: Condução de Veículos X 11 EXIGIDOS (01 a 11) Curso: infraestrutura Física de redes Lan e Wan, Ativos de rede, Comunicação de dados, Protocolos de Lan e Wan. 12 Curso: ITIL 13 Inglês Técnico: Leitura X 14 Experiência: utilização de scripts e procedimentos de atendimento X JÁVE L X Página: 8 Versão: 3

9 15 Capacidade: expressar-se com clareza e objetividade, tanto na linguagem escrita quanto na falada. X 16 Capacidade: agir com calma, tolerância e profissionalismo frente a situações que fujam dos procedimentos e rotinas normais de trabalho. X 17 Garantia: de capacidade de organização e liderança de equipe. 18 Garantia: de comprometido com a missão e diretrizes de atendimento. X 19 Garantia: de adaptação às normas e regulamentos estabelecidos. X 20 Garantia: apresentar dinamismo para atuar com atendimento a usuários. X 21 Conhecimentos específicos: avançados no uso em ferramentas de Service Desk, correlacionadas com Qualidade de Atendimento. X 22 Conhecimentos específicos de ferramentas de Service Desk, e com Qualidade de Atendimento. X 23 Conhecimento de técnicas de atendimento referente a área de TI. X 24 Conhecimentos específicos avançados no uso em ferramentas de Gerenciamento de recursos de TI. X 25 Suporte técnico de equipamentos do tipo microcomputadores de mesa (desktops), notebooks, impressoras, scanners, datashows, etc. X 26 Manutenção de equipamentos do tipo microcomputadores de mesa (desktops), notebooks, thin clients, monitores de vídeo CRT e LCD, impressoras, X multifuncionais, scanners, datashows, etc. 27 Sistemas Operacionais para microcomputadores Microsoft Windows X 28 Softwares aplicativos de escritório da família Microsoft Office e BR-office. X 29 Utilização de ferramentas de correio eletrônico e antivírus. X 30 Execução de aplicativos em arquiteturas Cliente/Servidor e Web. X 32 Ambiente de redes local Windows, TCP/IP, LAN, WAN, Portas e protocolos de comunicação e Ambiente Internet e Intranet X 33 Cabeamento estruturado de rede baseado em Ethernet. X EXPERIÊNCIA Possuir conhecimento de manutenção de hardware de microcomputadores em nível de configuração, software básico e aplicativos de automação de escritório; Possuir experiência mínima de 01 (um) ano de atuação em atividade de suporte local. Possuir experiência mínima de 01 (um) ano em operação de microcomputadores, com utilização de softwares de automação de escritório. Possuir experiência mínima de 01 (um) ano em manutenção preventiva e corretiva em equipamentos de microinformática, tais como: microcomputadores, notebooks, monitores de vídeo, impressoras, entre outros. Os itens Exigidos são requisitos que devem ser comprovados por meio de diplomas, certificados, registros em carteira de trabalho ou contratos de trabalho assinados. Quanto à Experiência: Carteira de Trabalho ou Declaração de Empresa Jurídica. X X X X Atividades a serem desenvolvidas, Responsabilidades, Funções e Horário da Prestação dos Serviços. Página: 9 Versão: 3

10 Item ATRIBUIÇÃO 01 Atender aos clientes e dar suporte operacional aos técnicos. Executar intervenção remota nos equipamentos de informática da EDRO, mediante autorização, 02 para realização de configurações, instalações e remoções de aplicativos, atualiza- ções de softwares e reparos diversos. 03 Executar intervenção local nos equipamentos de informática da EDRO, mediante autorização, cuja solução não foi possível através da intervenção remota; 04 Monitorar a fila de chamados sob sua responsabilidade, garantindo a solução no menor prazo possível. 05 Esclarecer dúvidas sobre configuração, instalação, funcionamento e manutenção de suprimentos, equipamentos e componentes de informática; Prestar orientações, esclarecer dúvidas e dicas quanto ao uso de funcionalidades e facilidades 06 disponíveis nos softwares básicos, softwares de escritório, aplicativos corporativos e equipamentos em geral; 07 Realizar contatos com os usuários para obtenção de detalhes adicionais a respeito das solicitações não disponibilizadas no primeiro contato, na tentativa de solucionar o problema; Comunicar a TI da CONTRATANTE sempre que houver interrupções nos serviços de TI ou 08 ocorrência de danos em equipamentos que atinjam um grupo de equipamentos ou localidades. 09 Efetuar a elaboração de instruções de configuração e de operação de equipamentos e softwares. (Banco de conhecimento); 10 Prestar feedback e repassar os chamados para atendimento do nível competente. 11 Instalar e configurar softwares básicos, de apoio, departamentais e corporativos, em microcomputadores de usuários; 12 Instalar e configurar periféricos através do protocolo TCP/IP, tais como: impressoras, multifuncionais, etc. 13 Efetuar testes de pontos de rede e equipamentos de TI em geral. 14 Supervisionar a equipe de Service Desk na execução do contrato seguindo normas e procedimentos adotados pela TI da contratante. 15 Abrir, distribuir, acompanhar e supervisionar e encerrar as ordens de serviço, no atendimento ao cliente e suporte operacional aos técnicos e assistentes. Utilizar e monitorar itens de controle para supervisão dos processos de solução de chamados; 16 identificar as etapas do processo de atendimento; monitorar os sistemas de Service Desk, bem como sua manutenção. 17 Execução de logística para direcionamento de equipes Service Desk, bem como implantar e manter a escala de trabalho destes profissionais. 18 Acompanhar as atividades de toda a equipe, elaboração de procedimentos e manutenção dos cadastros. Acionar responsáveis pelos processos de trabalho e soluções de TI da CONTRANTE para 19 resolução dos chamados a eles encaminhados, acompanhando os prazos negociados e reportando a situação dos chamados aos interessados; 20 Gerenciar e controlar de prazos das solicitações recebidas e das encaminhadas a outros responsáveis para resolução. Planejar e supervisionar, seguindo padrões e normas da gerência da contratante, as atividades 21 de catalogação, recebimento, armazenagem, distribuição e entrega de materiais e equipamentos de informática adquiridos pela empresa e/ou existentes. 22 Definir e manter estoque mínimo necessário de componentes e periféricos, visando garantir o adequado suprimento aos usuários desta Empresa. (Teclado, mouse, switch, etc.) 23 Gerar relatórios periódicos de todas as atividades desempenhadas segundo critérios dos gestores, conforme anexo A. Página: 10 Versão: 3

11 24 Treinar e capacitar novos técnicos no software de Service Desk disponibilizado pela CONTRATANTE. Fornecer sugestões e auxiliar na construção e manutenção contínua, com o apoio e aprovação 25 da EDRO, de scripts de suporte e da base de conhecimento, contemplando todas as soluções de problemas com respostas padronizadas. Auxiliar o acompanhamento das atividades de manutenção dos cadastros de equipamentos de TI. Efetuar, seguindo padrões e normas da gerencia da CONTRATANTE, as atividades de catalogação, 26 recebimento, armazenagem, distribuição e entrega de materiais e equipamentos de informática adquiridos pela empresa e/ou existentes. Efetuar a abertura de chamados de assistência técnica junto às empresas fornecedoras da 27 EDRO para equipamentos cobertos por contratos de garantia ou de manutenção e controle do cumprimento dos níveis de serviço estabelecidos nos contratos; 28 Efetuar o recebimento das soluções e fechamento das solicitações no sistema de Service Desk. 29 Repasse dos chamados não solucionados aos provedores de solução. 30 Emissão de relatórios de controle para gerência da CONTRATADA. 31 Desenvolver relatórios de todas as tarefas relacionadas pela Gestão da Contratante. 32 Efetuar a substituição e remanejamento de módulos e equipamentos 33 Substituir itens de suprimentos e manutenção de equipamentos em geral (microcomputadores, impressoras laser, por exemplo); 34 Realizar pequenos reparos em componentes de serviços disponibilizados aos usuários (Equipamentos, sistemas, documentação técnica/normativa etc.); 35 Efetuar a geração e aplicação de imagens de computadores, 36 Executar serviços de confecção de cabeamento de rede tipo Par Trançado 10/100/ Mbps obedecendo ao padrão de conectorização já adotado; Diagnóstico e solução de problemas de rede que afetam o desenvolvimento das atividades dos usuários da rede corporativa da EDRO. 38 Reparos, substituição, manutenção de cabos e conectores, 39 Receber, controlar, imprimir e registrar as impressões solicitadas pelas áreas da EDRO. 40 Informar às áreas que solicitaram as impressões a conclusão destas impressões; Controlar o consumo de insumos necessários ao desenvolvimento dos serviços de impressões, mantendo um quantitativo mínimo local suficiente para a realização dos serviços, e realizar as solicitações dos insumos a área de almoxarifado da CERON, quando necessário. Acionar as empresas autorizadas para manutenção preventiva e corretivamente as impressoras utilizadas no serviço de impressão; Informar aos gestores (Supervisor, gestor ou fiscal do contrato ou gestor da TI) sobre situações ou eventos que necessitem de decisão que afetam o desenvolvimento de suas atividades ou estejam incompatíveis com suas atribuições; 4.6 Horário da Prestação dos Serviços Equipe I De 07h30min as 11h30min e das 13h30min às 17h30min (hora local, prioritariamente). Equipe II De 08:00h as 12:00h e das 14:00H às 18:00h (hora local, prioritariamente). 4.7 Instrumentos de Prestação de Serviços Página: 11 Versão: 3

12 A Contratada deverá fornecer aos profissionais de sua equipe todo o material necessário para a execução de suas atividades Material obrigatório para toda equipe Item Descrição Qtde 01 Teste de cabos de rede com conector RJ-45 e RJ-11, com leds indicadores individuais para cada um dos fios Pendrive de 8GB ou superior Aparelho de comunicação entre os membros da equipe Teste para portas USB Material obrigatório para os Técnicos de atendimento Além do material descrito no subitem os técnicos de atendimento devem receber maletas de ferramentas com trava de segurança, as quais devem conter instrumentos e materiais consumíveis, adequados à função que será desempenhada, conforme relação a seguir: Item Descrição Qtde 01 Multímetro digital para medidas de tensão CC, AC/Resistência e tensão CC/Corrente Ferro de Solda Profissional 40W BiVolt, com base Maleta de ferramentas contendo os seguintes itens: Alicate de Corte Alicate Universal Alicate Bico Fino Alicate de Crimpagem com Catraca Chave Philips (estrela) Nº 0 Chave Philips (estrela) Nº 1 Chave Philips (estrela) Nº 2 Chaves Fenda 3 / 16'', 1 / 4'' e 5 / 16 Chaves Sextavada (canhão) - 3 / 16'' e 1 / 8'' Kit de Chaves Torx T09, T10, T15, T20, T25, T27, T30, T40 Kit de Chaves Allen Kit de Chaves de Precisão (1,4mm; 2,0mm; 2,4mm; 3,0mm) Ferramenta de Inserção com Impacto, do tipo Push-Down Chave-Teste Energia Alicate Decapador de Cabo de Rede Pulseira Anti-Estática Pinça 3 Dentes Anti-Estática, com ponta isolante Pinça Anti-Estática, com ponta isolante Estilete Kit de Escovas Anti-Estáticas 01 Página: 12 Versão: 3

13 04 Passa-Cabos / Guia (2 itens) Parafusadeira, BiVolt Mini Aspirador 1000W Etiquetadora Álcool Isopropílico Kit de pincéis e escovas para limpeza Kit Localizador de Cabos de rede (2 itens) 01 Será de responsabilidade da Contratada a substituição, no prazo de 24 (vinte e quatro) horas, sem ônus para a EDRO, de quaisquer materiais listados acima, que ficarem sem condições de uso. Os itens consumíveis que se esgotarem, como baterias, álcool, entre outros, deverão ser repostos imediatamente sem ônus para a EDRO Equipamentos de proteção A Contratada deverá providenciar todo e qualquer equipamento de segurança individual (EPI), sem ônus para a EDRO, sendo de sua responsabilidade substituí-los quando ficarem sem condições de uso. Os técnicos de segurança da Contratante realizarão inspeções periódicas e emitirão parecer quanto à necessidade de adequação dos EPI s, ficando a Contratada obrigada a fornecer ou substituir o EPI indicado pelos técnicos de segurança Veículos A Contratada deverá disponibilizar veículo, para os técnicos de atendimento considerando que os mesmos deverão atender os vários escritórios em diversas localidades. Todos os custos de documentação, licenciamento, combustível, adequações necessárias ao transporte, seguro, manutenção, locação e substituição dos veículos ocorrerão por conta da Contratada e não serão ressarcidos pela EDRO. A forma de deslocamento escolhida deve levar em consideração o SLA de deslocamento estipulado no Anexo B. 4.8 Despesas diárias e de locomoção Os custos referentes a passagens, transporte, diárias de viagem, alimentação, estadia e comunicação, gerados pelos técnicos da Contratada, ocorrerão por conta da Contratada e não serão ressarcidos pela EDRO. Página: 13 Versão: 3

14 4.9 Parque a ser atendido Compreende todos os recursos de tecnologia utilizados pela EDRO em sua rede corporativa nas localidades atendidas por seus serviços, a exceção dos servidores de rede e roteadores que são de responsabilidade exclusiva da equipe técnica da TI EDRO. 5. MODELO DE REMUNERAÇÃO. Será utilizada para fins de controle e faturamento a unidade denominada como Ponto para o dimensionamento do esforço de execução dos serviços, o grau de complexidade de cada atividade, o resultado obtido e a qualidade exigida para cada uma das tarefas; Será considerado como Custo Mensal Faturável, o somatório dos custos das demandas executadas pela Contratada e validadas pelos Fiscais ou Gestores no período, excluindo-se eventuais multas ou sanções pelo não atendimento dos indicadores de qualidade. De acordo com a combinação do TIPO, DIFICULDADE e PRIORIDADE de cada demanda será estabelecida uma pontuação para cada evento, conforme tabela abaixo: Tipo Peso Dificuldade Peso Prioridade Peso Pontuação Baixa 1 1 Baixa 1 Média 2 2 Alta 4 4 Baixa 2 4 Remoto 1 Média 2 Média 3 6 Alta 4 8 Baixa 2 6 Alta 3 Média 3 9 Alta 4 12 Baixa 1 2 Baixa 1 Média 2 4 Alta 3 6 Baixa 1 4 Presencial 2 Média 2 Média 2 8 Alta 3 12 Baixa 1 6 Alta 3 Média 2 12 Alta 3 18 Página: 14 Versão: 3

15 A métrica denominada PONTO dimensionará o esforço de execução de cada atividade para cada tipo de demanda, e dar-se-á pela multiplicação dos pesos de TIPO x DIFICULDADE x PRIORIDADE. Cada chamado (demanda/consulta/incidente) registrado deverá ter uma prioridade de tratamento definida, esta prioridade define a ordem de tratamento dos chamados, bem como outras questões relativas ao atendimento do mesmo, como o tempo de resolução. 5.1 Definições da tabela de pontuação TIPO - determina como o chamado deve ser resolvido, presencialmente ou de forma remota DIFICULDADE - é a medida do esforço técnico necessário para resolução do chamado. Para este nível foram definidos 03 (três) parâmetros de referência, sendo eles, baixo, médio e alto. Estes parâmetros decorrem da complexidade e tempo de resolução exigido de cada evento Dificuldade ALTA integra esse grupo os chamados cujo esforço técnico necessário para resolução é de alta complexidade e o tempo de resolução é necessariamente fator crítico, devendo ser minimizado Dificuldade MÉDIA integra esse grupo os chamados cujo esforço técnico necessário para resolução é de média complexidade e o tempo de resolução é necessariamente fator crítico, devendo ser minimizado Dificuldade BAIXA integra esse grupo os chamados cujo esforço técnico necessário para resolução é de baixa complexidade e o tempo de resolução não necessariamente é fator crítico PRIORIDADE - é fator utilizado para determinar o tempo em que um determinado grupo de usuários deve ter a sua solicitação atendida. Dessa forma têm se 3 (três) tipos de prioridades cujos usuários serão pré-definidos pela DGT Prioridade ALTA - integram esse grupo, funcionários/usuários do quadro da EDRO que ocupam cargos de gestores do alto escalão. Estão enquadrados ainda nesse nível de prioridade os funcionários das secretarias e assessores dos Diretores, outros usuários que serão apontados pelo DGT (aproximadamente 10% do total de usuários) Prioridade MÉDIA - são funcionários/usuários com cargos de Diretores e Coordenadores e/ou funções chaves da organização (não localizados nos Gabinetes principais) e, suas respectivas secretarias, também pré-definidos pela DGT (aproximadamente 30% do total de usuários); Prioridade BAIXA - todos os demais integrantes da EDRO que não fazem parte dos grupos anteriores (aproximadamente 60% do total de usuários). Página: 15 Versão: 3

16 5.2 Mensuração mensal dos Serviços Os serviços serão mensalmente mensurados a partir dos resultados e da pontuação alcançada pela CONTRATADA, ou seja, pela soma de todas as solicitações de serviço concluídas e validadas A CONTRATANTE não é obrigada a pagar um mínimo mensal de pontos à CONTRATADA. 5.3 Sistema de Demandas O controle da pontuação será realizado por acompanhamento da CONTRATADA e CONTRATANTE através de Sistema de Demandas, fornecido pela CONTRATANTE O referido sistema gera os relatórios com as informações referentes aos serviços prestados pela CONTRATADA e deverá ser utilizado em todo o processo de atendimento. 6. ESTIMATIVA DE CUSTOS A estimativa mensal de atendimentos baseou-se em dados coletados no sistema interno de controle de demandas, conforme detalhamento em encarte próprio deste Termo de Referência. O volume de pontuação estimado é de (dois mil e setecentos) pontos mensais e (trinta e dois mil e quatrocentos) pontos anuais. O custo estimado para contratação dos serviços de atendimento e Suporte Técnico pretendido é de R$ ,00 (seiscentos e sessenta e um mil cento e vinte e dois reais) para um período de 12(doze) meses. 7. CONDIÇÕES DE PARTICIPAÇÃO. A proponente deverá apresentar, no mínimo, 01 (um) atestado/declaração de capacidade técnica, em nome da proponente, emitido por pessoa jurídica de direito público ou privado que comprove a aptidão da licitante no desempenho de atividade pertinente e compatível com as características do objeto do presente contrato, aceitando-se a prestação do serviço em ambientes corporativos com no mínimo: estações em rede; - 80 notebooks; impressoras laser; 8. APRESENTAÇÃO DOS PROFISSIONAIS Página: 16 Versão: 3

17 A empresa contratada proverá uniformes para uso dos profissionais que executam serviços nas instalações da EDRO, em quantidade suficiente para que os técnicos possam se manter sempre corretamente trajados e com os uniformes perfeitamente asseados. Os profissionais devem portar crachás de identificação com, no mínimo, as seguintes informações: nome de guerra do profissional, função, nome da empresa prestadora do serviço. inscrição à serviço da Eletrobras Rondônia. A EDRO poderá solicitar, a qualquer momento, a substituição de qualquer item de fardamento, tenha sido extraviado ou danificado, ficando a PROPONENTE obrigada a substituí-lo no período máximo de 05 (cinco) dias úteis a contar da data da formalização da solicitação, sem ônus para EDRO; 9. MOBILIZAÇÃO E INICIO DOS TRABALHOS A licitante vencedora deverá iniciar a execução dos serviços em, no máximo 30 dias contados dia a dia, a partir da publicação do extrato do contrato no Diário Oficial da União. Será considerado como início da execução dos serviços o momento em que contratada estiver operando de acordo com todos os requisitos previstos no edital e os anexos da contratação. 10. CRONOGRAMA DE TRANSIÇÃO E EXECUÇÃO DOS SERVIÇOS O início da prestação dos serviços deverá ser conduzido de acordo com o seguinte plano de transição: Marco Ação Prevista Responsável AC Assinatura Contratual (AC) CONTRATANTE/ CONTRATADA AC+5 dias corridos No máximo AC+30 dias corridos No máximo AC+35 dias corridos No máximo Reunião Inicial Apresentação do preposto Apresentar Plano de Inserção, contendo: Quantitativo de profissionais alocados Estratégia de transição; Prazos para apresentação definitiva dos profissionais; - Início da prestação dos serviços. - Treinamento dos integrantes do service desk no Sistema de Demandas (treinamento realizado pela equipe da EDRO no prazo estimado de 4 horas) Execução contratual em conformidade com o Plano de Inserção CONTRATANTE/ CONTRATADA CONTRATADA CONTRATADA CONTRATADA Página: 17 Versão: 3

18 AC+60 Dias corridos Aplicação integral dos indicadores e metas de qualidade CONTRATADA Os marcos que incidirem em dias não úteis serão postergados ao primeiro dia útil subsequente. A transição dos serviços consistirá período no qual as responsabilidades pela execução dos serviços serão transmitidas pela atual executante dos serviços á CONTRATADA. Neste período, a CONTRATADA, às suas expensas, iniciará atividades de prospecção e captação de profissionais que atendam aos requisitos de capacitação técnica impostos. No período de transição dos serviços, a CONTRATADA apresentará a comprovação capacitação e experiência profissional dos integrantes do Service Desk e providenciará o início do treinamento dos integrantes do Service Desk no Sistema de Demandas. 11. AMBIENTE DE TRABALHO A CONTRATADA deverá montar e manter, em sala cedida nas dependências do prédio SEDE para cada técnico nos atendimentos dos chamados, ambiente com as seguintes especificações: Mesa individual tipo escritório: (para colocação do microcomputador, telefone, etc.) Armário de 02 (duas) portas, com chaves; Bancada com gavetão de 2m de largura por 0,80cm de profundidade ou aproximado; Luminária superior ajustável; Régua de serviço contemplando barramento AC com no mínimo 05 (cinco) tomadas entre tripolares e no novo padrão ABNT e 02 (dois) pontos de rede ethernet RJ-45; A contratante providenciará o ponto telefônico para utilização dos técnicos. 12. METAS 12.1 Acordo de Nível de Serviços (NAS / SLA) Os serviços serão medidos com base em indicadores e metas exigidas, referentes a solicitações de suporte local, conforme tabela adiante. Item Indicadores de Níveis de serviço Fórmula de Cálculo 01 Índice de chamados de Prioridade ALTA Total de solicitações de prioridade alta resolvidas no prazo / Total de solicitações de prioridade alta x 100 Meta Exigida (%) GID >=95 60 Total de solicitações de prioridade Índice de chamados de Prioridade média resolvidas no prazo / Total de 02 MÉDIA >=90 55 solicitações de prioridade média x Índice de chamados de Prioridade Total de solicitações de prioridade >=90 45 Página: 18 Versão: 3

19 04 05 BAIXA Índice de solicitações Presencial Índice de solicitações Geral baixa resolvidas no prazo / Total de solicitações de prioridade baixa x 100 Total de solicitações classificadas como presencial resolvidas no prazo / Total de solicitações classificadas como presencial x 100 Total de solicitações resolvidas no prazo / Total de solicitações recebidas x 100 >=90 50 >=95 95 Esclarecimento para a apuração dos índices: A estimativa de número de atendimentos por mês é de 500 atendimentos. As metas devem ser medidas do primeiro ao último dia de cada mês; A meta exigida representa o parâmetro de valor - exato (=) ou limite mínimo (>=) - que deve ser alcançado pela contratada para cada um dos indicadores; Os tempos serão contados a partir do recebimento da solicitação do cliente; No caso da contagem em dias, a contagem é efetuada dia a dia, incluindo o primeiro e o último dia; Toda solicitação de serviço deverá ter seu atendimento iniciado no prazo máximo de 10 minutos após a sua emissão; O termo Total de solicitações recebidas refere-se aos chamados recebidos pelo serviço de Service Desk (Remoto e Local) e passíveis de solução por esses serviços. Serão excluídos dos cálculos para apuração do índice de SLA os chamados que necessitarem de acionamento de terceiros (Fornecedores, contratadas, etc.), quando não houver mais equipamentos reservas disponíveis. O Grau de Impacto no Desempenho GID, é o fator de ponderação que tem por objetivo adequar o pagamento pelo resultado atingido ao grau de importância daquele indicador no contexto do serviço Chamados Prioritários Chamados abertos pelas secretárias de diretoria, assessores de diretoria, área de faturamento e arrecadação (Prédio SEDE), uma vez identificados, deverão ter tratamento prioritário, sendo seu atendimento pronto e imediato. Caso a solução do problema necessite de tempo adicional o requerente deverá ser informado e notificado do prazo estimado para a solução do problema Indicadores de Controle de Qualidade ICQ Página: 19 Versão: 3

20 A qualidade dos serviços prestados será medida com base em indicadores e metas exigidas, conforme tabela abaixo: Item Indicadores de Controle de Qualidade Índice de solicitações retornadas Total de solicitações retornadas por atendimento inadequado. Índice de satisfação Índice de satisfação dos usuários com o atendimento prestado. Índice de insatisfação Índice de insatisfação dos usuários com o atendimento prestado. Índice de rotatividade Índice de rotatividade de pessoal nos últimos 3 meses. Índice redirecionamento indevido Total de solicitações redirecionadas indevidamente. Fórmula de Cálculo Total de solicitações retornadas / Total de solicitações recebidas x 100 Total de usuários pesquisados satisfeitos / Total de usuários pesquisados x 100 Total de usuários pesquisados insatisfeitos / Total de usuários pesquisados x 100 Total de funcionários contratados nos últimos 3 meses / Total funcionários x 100 Total de solicitações redirecionadas indevidamente / Total de solicitações redirecionadas x 100 Meta Exigida (%) GID <=3 50 >=90 90 <=5 60 <=25 65 >= Pesquisa de satisfação do cliente A contratada providenciará, sem custo adicional para a contratante, diretamente com o cliente, pesquisa mensal de verificação de, no mínimo 20% dos chamados, para aferir o índice de satisfação dos clientes com os serviços prestados, tanto pelo telessuporte quanto pelo suporte local. Relatórios contendo o resultado dessas pesquisas devem ser entregues mensalmente a contratante. O formulário de pesquisa será homologado entre as partes Pagamento Mensal Para fins de faturamento, o valor mensal da prestação do serviço (VMS) será ponderado em função do desempenho mensal alcançado. Nos casos em que o indicador apurado estiver abaixo da meta exigida, será abatido do valor mensal da prestação do serviço o valor proporcional ao Grau de Impacto no Desempenho GID. O Fator de Redução por Desempenho de Serviço (FRDS) será calculado com base nos resultados alcançados em cada indicador de nível de serviço previsto acima. No FRDS está previsto uma ponderação para cada indicador de nível de serviço (GID) Cálculo da Redução por descumprimento do ANS - RANS Página: 20 Versão: 3

ANEXO I NÍVEIS MÍNIMOS DE SERVIÇO EXIGIDOS (NMSE) PARA CONTRATO DE APOIO

ANEXO I NÍVEIS MÍNIMOS DE SERVIÇO EXIGIDOS (NMSE) PARA CONTRATO DE APOIO ANEXO I NÍVEIS MÍNIMOS DE SERVIÇO EXIGIDOS (NMSE) PARA CONTRATO DE APOIO 1. Introdução 1.1. Descrição do serviço Este documento disciplina a cessão de uso permanente da solução de software para Gestão

Leia mais

Termo de Referência. Aquisição de Solução de Gerenciamento de Impressão para plataforma baixa.

Termo de Referência. Aquisição de Solução de Gerenciamento de Impressão para plataforma baixa. Termo de Referência Aquisição de Solução de Gerenciamento de Impressão para plataforma baixa. CGAD/COAR - Gerenciamento de Impressão Plataforma Baixa / RQ DSAO nº xxx/2009 1/8 Termo de Referência Aquisição

Leia mais

MENSAGEM PREGÃO ELETRÔNICO N. 052/2010 ESCLARECIMENTO 4

MENSAGEM PREGÃO ELETRÔNICO N. 052/2010 ESCLARECIMENTO 4 MENSAGEM Assunto: Esclarecimento 4 Referência: Pregão Eletrônico n. 052/2010 Data: 19/11/2010 Objeto: Contratação de serviços técnicos especializados de atendimento remoto e presencial a usuários de tecnologia

Leia mais

DIRETORIA DE GESTÃO DG DEPARTAMENTO DE ADMINISTRAÇÃO - DGA TERMO DE REFERÊNCIA OBJETO

DIRETORIA DE GESTÃO DG DEPARTAMENTO DE ADMINISTRAÇÃO - DGA TERMO DE REFERÊNCIA OBJETO TERMO DE REFERÊNCIA Nº 010/2014 OBJETO Contratação de empresa especializada para execução dos serviços de instalação e fornecimento de vidros temperados incolor em imóveis da Eletrobrás Distribuição Rondônia,

Leia mais

ASSISTÊNCIA BB PROTEÇÃO MÓDULO INFORMÁTICA Manual do Associado

ASSISTÊNCIA BB PROTEÇÃO MÓDULO INFORMÁTICA Manual do Associado ASSISTÊNCIA BB PROTEÇÃO MÓDULO INFORMÁTICA Manual do Associado OS SERVIÇOS DE ASSISTÊNCIA SÃO PRESTADOS PELA BRASIL ASSISTÊNCIA S.A., CNPJ: 68.181.221/0001-47 ASSISTÊNCIA BB PROTEÇÃO Ao necessitar de algum

Leia mais

ANEXO I TERMO DE REFERÊNCIA MANUTENÇÔES EVOLUTIVAS NO SITE PRO-SST DO SESI

ANEXO I TERMO DE REFERÊNCIA MANUTENÇÔES EVOLUTIVAS NO SITE PRO-SST DO SESI ANEXO I TERMO DE REFERÊNCIA MANUTENÇÔES EVOLUTIVAS NO SITE PRO-SST DO SESI 1. OBJETO 1.1. Contratação de empresa especializada para executar serviços de manutenção evolutiva, corretiva, adaptativa e normativa

Leia mais

ASSISTÊNCIA HELP DESK REMOTO Manual do Associado OS SERVIÇOS DE ASSISTÊNCIA SÃO PRESTADOS PELA USS SOLUÇÕES GERENCIADAS S.A. CNPJ: 01.979.

ASSISTÊNCIA HELP DESK REMOTO Manual do Associado OS SERVIÇOS DE ASSISTÊNCIA SÃO PRESTADOS PELA USS SOLUÇÕES GERENCIADAS S.A. CNPJ: 01.979. ASSISTÊNCIA HELP DESK REMOTO Manual do Associado OS SERVIÇOS DE ASSISTÊNCIA SÃO PRESTADOS PELA USS SOLUÇÕES GERENCIADAS S.A. CNPJ: 01.979.936/0001-79 ASSISTÊNCIA HELP DESK REMOTO Ao necessitar de algum

Leia mais

PROJETO BÁSICO PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS ACADÊMICOS NA ÁREA DE EFICIÊNCIA ENERGÉTICA

PROJETO BÁSICO PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS ACADÊMICOS NA ÁREA DE EFICIÊNCIA ENERGÉTICA PROJETO BÁSICO PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS ACADÊMICOS NA ÁREA DE EFICIÊNCIA ENERGÉTICA IMPLEMENTAÇÃO DE PROJETO DE CURSO DE ESPECIALIZAÇÃO LATU SENSO EM EFICIÊNCIA ENERGÉTICA PARA COMPOR O PROGRAMA DE EFICIÊNCIA

Leia mais

Termo de Referência. (Storage) do ambiente de Migração, composta pelo do subsistema de disco IBM DS8300.

Termo de Referência. (Storage) do ambiente de Migração, composta pelo do subsistema de disco IBM DS8300. Termo de Referência Expansão da solução s de armazenamento (Storage) do ambiente de Migração, composta pelo do subsistema de disco IBM DS8300. Termo de Referência Expansão da solução de armazenamento do

Leia mais

Termo de Referência. Aquisição de servidores para camada de banco de dados. Diretoria de Infra-Estrutura de TIC DIT

Termo de Referência. Aquisição de servidores para camada de banco de dados. Diretoria de Infra-Estrutura de TIC DIT Termo de Referência Aquisição de servidores para camada de banco de dados. Termo de Referência Aquisição de Servidores Tipo 1A-1B para camada de Banco de Dados / Alta Disponibilidade RQ DEPI nº 11/2009

Leia mais

ANEXO II PERFIL DOS TÉCNICOS E ANALISTAS, FORMAÇÃO E ATIVIDADES A DESENVOLVER

ANEXO II PERFIL DOS TÉCNICOS E ANALISTAS, FORMAÇÃO E ATIVIDADES A DESENVOLVER PERFIL DOS TÉCNICOS E ANALISTAS, FORMAÇÃO E ATIVIDADES A DESENVOLVER 1. FORMAÇÃO, CONHECIMENTO E HABILIDADES EXIGIDAS 1.1. PERFIL DE TÉCNICO EM INFORMÁTICA: 1.1.1.DESCRIÇÃO DO PERFIL: O profissional desempenhará

Leia mais

PROJETO BÁSICO GRAMADOTUR

PROJETO BÁSICO GRAMADOTUR PROJETO BÁSICO GRAMADOTUR 1 Projeto Básico da contratação de serviços: 1.1 O presente Projeto Básico tem como objetivo a contratação de empresa para locação de impressoras, incluindo o fornecimento de

Leia mais

PREGÃO N. 2014/47 ESCLARECIMENTOS. Tendo em vista as perguntas realizadas por empresas participantes da licitação, informamos:

PREGÃO N. 2014/47 ESCLARECIMENTOS. Tendo em vista as perguntas realizadas por empresas participantes da licitação, informamos: PREGÃO N. 2014/47 ESCLARECIMENTOS Tendo em vista as perguntas realizadas por empresas participantes da licitação, informamos: 1) No item 10.3.2 Documentação De Qualificação Econômico-Financeira, não é

Leia mais

Serviço Público Federal Conselho Regional de Corretores de Imóveis Estado de São Paulo

Serviço Público Federal Conselho Regional de Corretores de Imóveis Estado de São Paulo ANEXO VII PREGÃO PRESENCIAL Nº. 033/2015 Termo de Referência 1. OBJETO Renovação de licenças de Solução Corporativa do Antivírus Avast, com serviço de suporte técnico e atualização de versão, manutenção

Leia mais

Número: DFC 003/2014 TERMO DE REFERÊNCIA. Data: 21/07/2014 DEPARTAMENTO DE CONTABILIDADE E GESTÃO DE ATIVOS - DFC

Número: DFC 003/2014 TERMO DE REFERÊNCIA. Data: 21/07/2014 DEPARTAMENTO DE CONTABILIDADE E GESTÃO DE ATIVOS - DFC CONTRATAÇÃO DE EMPRESA ESPECIALIZADA NA ÁREA FISCAL E TRIBUTÁRIA PARA RETIFICAÇÃO E APRESENTAÇÃO DOS ARQUIVOS DIGITAIS SISTEMA DE ESCRITURAÇÃO DIGITAL SPED DA ELETROBRAS DISTRIBUIÇÃO RONDÔNIA. Página 1

Leia mais

Av. Presidente Vargas, 1261 CEP: 20071-004 - Centro - Rio de Janeiro Tel: +55 (21) 2532-2661

Av. Presidente Vargas, 1261 CEP: 20071-004 - Centro - Rio de Janeiro Tel: +55 (21) 2532-2661 TERMO DE REFERÊNCIA OBJETIVANDO A CONTRATAÇÃO DE EMPRESA PARA PROJETO DOS SISTEMAS DE CFTV DA BIBLIOTECA PARQUE ESTADUAL DE MANGUINHOS BPM JUSTIFICATIVA A Biblioteca Parque Estadual de Manguinhos é um

Leia mais

PLANO DE DESENVOLVIMENTO DE RECURSOS HUMANOS DA FUNDAÇÃO MUNICIPAL DE TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO E COMUNICAÇÃO DE CANOAS CANOASTEC

PLANO DE DESENVOLVIMENTO DE RECURSOS HUMANOS DA FUNDAÇÃO MUNICIPAL DE TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO E COMUNICAÇÃO DE CANOAS CANOASTEC PLANO DE DESENVOLVIMENTO DE RECURSOS HUMANOS DA FUNDAÇÃO MUNICIPAL DE TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO E COMUNICAÇÃO DE CANOAS CANOASTEC Institui o Plano de Desenvolvimento de Recursos Humanos criando o Quadro

Leia mais

TERMO DE REFERÊNCIA SERVIÇOS DE SUPORTE TÉCNICO EM SISTEMA DE COLABORAÇÃO ZIMBRA 1. OBJETO

TERMO DE REFERÊNCIA SERVIÇOS DE SUPORTE TÉCNICO EM SISTEMA DE COLABORAÇÃO ZIMBRA 1. OBJETO TERMO DE REFERÊNCIA SERVIÇOS DE SUPORTE TÉCNICO EM SISTEMA DE COLABORAÇÃO ZIMBRA 1. OBJETO 1.1. Prestação de serviços de suporte técnico em sistema de colaboração ZIMBRA. 2. DESCRIÇÃO GERAL DOS SERVIÇOS

Leia mais

Projeto Básico - Prestação de Serviços

Projeto Básico - Prestação de Serviços Diretoria de Tecnologia Gerência de Fornecimento de TI Projeto Básico - Prestação de Serviços 1. Objeto: 1.1 Contratação de empresa para prestação de serviços especializados de escuta de gravações e monitoração

Leia mais

ANEXO III DAS OBRIGAÇÕES DA CONTRATADA

ANEXO III DAS OBRIGAÇÕES DA CONTRATADA CONCORRÊNCIA DIRAT/CPLIC 001/2007 1 ANEXO III DAS OBRIGAÇÕES DA CONTRATADA ESTABELECE, RESPONSABILIDADES DIVERSAS, TIPOS E HORÁRIO DE COBERTURA DE SUPORTE, E DEMAIS RESPONSABILIDADES DA CONTRATADA RELATIVAS

Leia mais

PROJETO BÁSICO CALL CENTER

PROJETO BÁSICO CALL CENTER PROJETO BÁSICO CALL CENTER 1 Projeto Básico da Contratação de Serviços: 1.1 O presente Projeto Básico consiste na descrição dos serviços que serão prestados por empresa especializada em serviços de Call

Leia mais

Pode Judiciário Justiça do Trabalho Tribunal Regional do Trabalho da 11ª Região ATRIBUIÇÕES DOS CARGOS DE DIREÇÃO E CHEFIAS DA SETIC

Pode Judiciário Justiça do Trabalho Tribunal Regional do Trabalho da 11ª Região ATRIBUIÇÕES DOS CARGOS DE DIREÇÃO E CHEFIAS DA SETIC Pode Judiciário Justiça do Trabalho Tribunal Regional do Trabalho da 11ª Região ATRIBUIÇÕES DOS CARGOS DE DIREÇÃO E CHEFIAS DA SETIC 1. Diretor da Secretaria de Tecnologia da Informação e Comunicação Coordenar

Leia mais

NORMA CONTROLE DO PARQUE DE INFORMÁTICA

NORMA CONTROLE DO PARQUE DE INFORMÁTICA CONTROLE DO PARQUE DE INFORMÁTICA Data: 17 de dezembro de 2009 Pág. 1 de 13 SUMÁRIO SUMÁRIO 2 1. INTRODUÇÃO 3 2. FINALIDADE 3 3. ÂMBITO DE APLICAÇÃO 3 4. PADRONIZAÇÃO DOS RECURSOS DE T.I. 4 5. AQUISIÇÃO

Leia mais

TERMO DE REFERÊNCIA Nº 020/2012

TERMO DE REFERÊNCIA Nº 020/2012 TERMO DE REFERÊNCIA Nº 020/2012 CONTRATAÇÃO DE EMPRESA ESPECIALIZADA PARA REALIZAR SERVIÇOS DE ROÇADA, DESTOCAMENTO, LIMPEZA E JARDINAGEM DE ÁREAS LIVRES NOS IMÓVEIS DAS CENTRAIS ELÉTRICAS DE RONDÔNIA

Leia mais

Av. Presidente Vargas, 1261 CEP: 20071-004 - Centro - Rio de Janeiro Tel: +55 (21) 2532-2661

Av. Presidente Vargas, 1261 CEP: 20071-004 - Centro - Rio de Janeiro Tel: +55 (21) 2532-2661 TERMO DE REFERÊNCIA OBJETIVANDO A CONTRATAÇÃO DE EMPRESA ESPECIALIZADA NO SERVIÇO DE MANUTENÇÃO DE TELHADOS VERDES/ECOTELHADO, JARDINS E CANTEIROS NA BIBLIOTECA PARQUE ESTADUAL RJ. JUSTIFICATIVA A Biblioteca

Leia mais

PODER EXECUTIVO MUNICIPAL DE ITIQUIRA- MT

PODER EXECUTIVO MUNICIPAL DE ITIQUIRA- MT INSTRUÇÃO NORMATIVA STI Nº 002/2012, DE 06 DE NOVEMBRO DE 2012. Versão nº 01 Aprovação em: 06/11/2012 Ato de Aprovação: Decreto Municipal nº 56/2012 Unidade Responsável: Departamento de Tecnologia da Informação

Leia mais

UNIVERSIDADE DE BRASÍLIA UNB CENTRO DE EDUCAÇÃO A DISTÂNCIA CEAD-UNB PROCESSO SIMPLIFICADO DE SELEÇÃO. CHAMADA PÚBLICA Nº 002/2014 CEAD-UnB

UNIVERSIDADE DE BRASÍLIA UNB CENTRO DE EDUCAÇÃO A DISTÂNCIA CEAD-UNB PROCESSO SIMPLIFICADO DE SELEÇÃO. CHAMADA PÚBLICA Nº 002/2014 CEAD-UnB UNIVERSIDADE DE BRASÍLIA UNB CENTRO DE EDUCAÇÃO A DISTÂNCIA CEAD-UNB PROCESSO SIMPLIFICADO DE SELEÇÃO CHAMADA PÚBLICA Nº 002/2014 CEAD-UnB Brasília, 28 de março de 2014 A diretora do Centro de Educação

Leia mais

INSTRUÇÃO NORMATIVA Nº 01/2014 SCLCS - SISTEMA DE COMPRAS, LICITAÇÕES, CONTRATOS E SERVIÇOS N.º 01/2014

INSTRUÇÃO NORMATIVA Nº 01/2014 SCLCS - SISTEMA DE COMPRAS, LICITAÇÕES, CONTRATOS E SERVIÇOS N.º 01/2014 INSTRUÇÃO NORMATIVA Nº 01/2014 SCLCS - SISTEMA DE COMPRAS, LICITAÇÕES, CONTRATOS E SERVIÇOS N.º 01/2014 Versão: 01 Data de aprovação: 7 de outubro de 2014. Ato de aprovação: Resolução n.º 112 /2014 Unidade

Leia mais

Centrais Elétricas de Rondônia S.A. - CERON Gerência de Tecnologia da Informação PGT

Centrais Elétricas de Rondônia S.A. - CERON Gerência de Tecnologia da Informação PGT 1. DO OBJETO: PROJETO BÁSICO Do Pedido de Serviço PGT/0/2005 Constitui o objeto deste projeto a contratação de empresa para a prestação de serviços especializados na área de informática, a saber: 1) nos

Leia mais

TERMO DE REFERÊNCIA 1. INTRODUÇÃO

TERMO DE REFERÊNCIA 1. INTRODUÇÃO TERMO DE REFERÊNCIA CONTRATAÇÃO DE SERVIÇOS DE ENGENHARIA PARA REPAROS E OBRAS EMERGENCIAIS DE IMOVEIS SITUADOS NA ÁREA DE ESPECIAL INTERESSE URBANISTICO DA REGIÃO DO PORTO MARAVILHA. 1. INTRODUÇÃO A Operação

Leia mais

ANEXO I T E R M O DE R E F E R Ê N C I A EDITAL DE PREGÃO Nº 05/2015 CREMEB

ANEXO I T E R M O DE R E F E R Ê N C I A EDITAL DE PREGÃO Nº 05/2015 CREMEB ANEXO I T E R M O DE R E F E R Ê N C I A EDITAL DE PREGÃO Nº 05/2015 CREMEB 1 -DO OBJETO O objeto do Pregão Presencial é a contratação de empresa especializada para prestação de serviços de rádio-táxi

Leia mais

TERMO DE REFERÊNCIA Prestação de Serviços de suporte técnico para a Ferramenta de Scanner de Vulnerabilidades de Aplicações Web Acunetix

TERMO DE REFERÊNCIA Prestação de Serviços de suporte técnico para a Ferramenta de Scanner de Vulnerabilidades de Aplicações Web Acunetix TERMO DE REFERÊNCIA Prestação de Serviços de suporte técnico para a Ferramenta de Scanner de Vulnerabilidades de Aplicações Web Acunetix, e, atualização de novas versões e das vulnerabilidades detectáveis.

Leia mais

ParanáBanco. REGULAMENTO DE USO DO NETBANKING PARANÁ BANCO Atualizado em 16/09/2015

ParanáBanco. REGULAMENTO DE USO DO NETBANKING PARANÁ BANCO Atualizado em 16/09/2015 O Cliente, pela assinatura física e/ou eletrônica do Termo de Adesão e Uso do NetBanking Paraná Banco, adere ao presente Regulamento, definido conforme os seguintes termos e condições: 1. Regras de uso

Leia mais

ADITAMENTO 01 INSTRUÇÕES AOS PROPONENTES

ADITAMENTO 01 INSTRUÇÕES AOS PROPONENTES ADITAMENTO 01 INSTRUÇÕES AOS PROPONENTES CONTRATAÇÃO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS DE OPERAÇÃO E SUPORTE À INFRAESTRUTURA DE INFORMÁTICA DA TI CORPORATIVA DO NOS (SERVICE DESK) Ref: Aditamento nº 01 ao Edital

Leia mais

Contrato de Suporte End.: Telefones:

Contrato de Suporte End.: Telefones: Contrato de Suporte Contrato de Suporte Desafios das empresas no que se refere à infraestrutura de TI Possuir uma infraestrutura de TI que atenda as necessidades da empresa Obter disponibilidade dos recursos

Leia mais

DIRETRIZ ORGANIZACIONAL

DIRETRIZ ORGANIZACIONAL TÍTULO: REQUISITOS DE MEIO AMBIENTE, SAÚDE OCUPACIONAL E SEGURANÇA DO TRABALHO PARA CONTRATADAS Área Responsável: Gerência Geral de Meio Ambiente Saúde e Segurança 1. OBJETIVO Este procedimento tem como

Leia mais

VIDEOCONFERÊNCIA Edital de Licitação Anexo I Termo de Referência

VIDEOCONFERÊNCIA Edital de Licitação Anexo I Termo de Referência VIDEOCONFERÊNCIA Edital de Licitação Anexo I Termo de Referência Pregão Conjunto nº 27/2007 VIDEOCONFERÊNCIA ANEXO I Termo de Referência Índice 1. Objetivo...3 2. Requisitos técnicos e funcionais...3 2.1.

Leia mais

Para/To: N o de páginas/n o of. pages: 06 De/From: Silvana Luz Simões Data/Date: 28 / 08/ 2007 Ref.: Solicitação de proposta ATT.:

Para/To: N o de páginas/n o of. pages: 06 De/From: Silvana Luz Simões Data/Date: 28 / 08/ 2007 Ref.: Solicitação de proposta ATT.: MINISTÉRIO DA CIÊNCIA E TECNOLOGIA Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - CNPq DAD/CGADM/COINF/SERVIÇO DE LICITAÇÃO SELIC SEPN 507, Bloco B, Ed. Sede CNPq, Sala 211, CEP: 70.740-901,

Leia mais

PORTARIA Nº 7.965, DE 23 DE NOVEMBRO DE 2015.

PORTARIA Nº 7.965, DE 23 DE NOVEMBRO DE 2015. PORTARIA Nº 7.965, DE 23 DE NOVEMBRO DE 2015. Atualiza o macroprocesso da fase de Gestão de Contratos de Tecnologia da Informação e Comunicações, instituído no âmbito do Tribunal Regional do Trabalho da

Leia mais

TERMO DE REFERÊNCIA ANEXO I ESPECIFICAÇÃO TÉCNICA PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS DE MANUTENÇÃO E SUPORTE DO LICENCIAMENTO ATLASSIAN JIRA

TERMO DE REFERÊNCIA ANEXO I ESPECIFICAÇÃO TÉCNICA PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS DE MANUTENÇÃO E SUPORTE DO LICENCIAMENTO ATLASSIAN JIRA TERMO DE REFERÊNCIA ANEXO I ESPECIFICAÇÃO TÉCNICA PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS DE MANUTENÇÃO E SUPORTE DO LICENCIAMENTO ATLASSIAN JIRA Outubro de 2013 1 1 OBJETO Prestação de Serviço de Manutenção da licença

Leia mais

TERMO DE REFERÊNCIA DGA/054/2012

TERMO DE REFERÊNCIA DGA/054/2012 TERMO DE REFERÊNCIA DGA/054/2012 AQUISIÇÃO DE MATERIAL ELÉTRICO E DE REDE LÓGICA PARA REALIZAR MANUTENÇÃO PREDIAL NOS IMÓVEIS DA ELETROBRAS DISTRIBUIÇÃO RONDÔNIA EM PORTO VELHO PORTO VELHO DEZEMBRO DE

Leia mais

Termo de Referência. Serviço de envio de mensagens SMS Short Message Service para dispositivos móveis, pelo período de 24 meses.

Termo de Referência. Serviço de envio de mensagens SMS Short Message Service para dispositivos móveis, pelo período de 24 meses. Termo de Referência Serviço de envio de mensagens SMS Short Message Service para dispositivos móveis, pelo período de 24 meses. Termo de Referência [OBJETO] 1 Termo de Referência Serviço de envio de mensagens

Leia mais

PREGÃO ELETRÔNICO Nº 2013/023 ESCLARECIMENTOS

PREGÃO ELETRÔNICO Nº 2013/023 ESCLARECIMENTOS Esclarecimento I PERGUNTA 1: PREGÃO ELETRÔNICO Nº 2013/023 ESCLARECIMENTOS 7.5.3. documentação técnica do fabricante dos componentes cotados, incluindo partes de manuais e catálogos, que comprovem o atendimento

Leia mais

2.2 - Prestação de Serviços de Suporte Técnico Assistido

2.2 - Prestação de Serviços de Suporte Técnico Assistido Anexo I TERMO DE REFERÊNCIA - TR Pregão Eletrônico nº 010/2011 1 DO OBJETO 1.1 - Contratação de empresa para o fornecimento de licenças de uso de software SAP, BusinessObjects Enterprise - BOE, com manutenção

Leia mais

Regulamento Oferta LIVE TIM Empresas 16/12/2013 a 31/03/2015

Regulamento Oferta LIVE TIM Empresas 16/12/2013 a 31/03/2015 Regulamento Oferta LIVE TIM Empresas 16/12/2013 a 31/03/2015 1. INTRODUÇÃO 1.1 Esta Promoção é realizada pela TIM Celular S/A, prestadora de SCM, com sede na Avenida Giovanni Gronchi, número 7.143, Cidade

Leia mais

COLETA DE PREÇOS nº 05/2013

COLETA DE PREÇOS nº 05/2013 COLETA DE PREÇOS nº 05/2013 1. PREÂMBULO 1.1. A ASSOCIAÇÃO MUSEU AFRO BRASIL, torna pública a realização de Seleção de Fornecedores na modalidade Coleta de Preços, pelo critério de menor preço, objetivando

Leia mais

Política de Atendimento Técnico, Suporte e Assistência aos softwares SiplanControl-M

Política de Atendimento Técnico, Suporte e Assistência aos softwares SiplanControl-M Política de Atendimento Técnico, Suporte e Assistência aos softwares SiplanControl-M 1. Introdução a política 2. Quem está elegível para solicitar suporte? 3. Horário de atendimento 4. Que tempo de resposta

Leia mais

Consulta Pública Contratação de Serviços de TI STI - Superintendência de Tecnologia da Informação

Consulta Pública Contratação de Serviços de TI STI - Superintendência de Tecnologia da Informação Consulta Pública Contratação de Serviços de TI STI - Superintendência de Tecnologia da Informação Diretoria de Soluções Tecnológicas Superintendência de Tecnologia da Informação Objeto Objeto: Prestação

Leia mais

NORMA ATENDIMENTO AOS USUÁRIOS DE T.I.

NORMA ATENDIMENTO AOS USUÁRIOS DE T.I. ATENDIMENTO AOS USUÁRIOS DE T.I. Data: 17 de dezembro de 2009 Pág. 1 de 8 SUMÁRIO SUMÁRIO 2 1. INTRODUÇÃO 3 2. FINALIDADE 3 3. ÂMBITO DE APLICAÇÃO 3 4. ATENDIMENTO AOS USUÁRIOS DE T.I. 4 4.1. Diretrizes:

Leia mais

CONVITE Nº 01/2012 ANEXO III MODELO DE CONTRATO

CONVITE Nº 01/2012 ANEXO III MODELO DE CONTRATO CONVITE Nº 01/2012 ANEXO III MODELO DE CONTRATO CONTRATANTE : Serviço Nacional de Aprendizagem Comercial - Senac - Administração Nacional ENDEREÇO : Av. Ayrton Senna, 5.555 TEL.: (21) 2136-5799 BAIRRO

Leia mais

Serviços do Prodasen. Estrutura de atendimento... 5. Central de Atendimento... 6. Gerente de Relacionamento... 7. Infra-estrutra de Rede...

Serviços do Prodasen. Estrutura de atendimento... 5. Central de Atendimento... 6. Gerente de Relacionamento... 7. Infra-estrutra de Rede... Serviços do Prodasen Estrutura de atendimento... 5 Central de Atendimento... 6 Gerente de Relacionamento... 7 Infra-estrutra de Rede... 9 Gestão de Equimentos... 9 Serviços de apoio... 10 Outros serviços...

Leia mais

ANEXO TR QUALIFICAÇÃO PROFISSIONAL

ANEXO TR QUALIFICAÇÃO PROFISSIONAL ANEXO TR QUALIFICAÇÃO PROFISSIONAL REQUISITOS MÍNIMOS DE QUALIFICAÇÃO TÉCNICA DOS PROFISSIONAIS QUE DEVERÃO COMPOR AS EQUIPES TÉCNICAS PREVISTAS NESSA CONTRATAÇÃO PARA AMBOS OS LOTES. QUALIFICAÇÃO PROFISSIONAL

Leia mais

ANEXO III PREGÃO PRESENCIAL SESC/MA Nº 15/0019-PG MINUTA DO CONTRATO

ANEXO III PREGÃO PRESENCIAL SESC/MA Nº 15/0019-PG MINUTA DO CONTRATO ANEXO III PREGÃO PRESENCIAL SESC/MA Nº 15/0019-PG MINUTA DO CONTRATO Instrumento Particular de Contrato referente ao PREGÃO PRESENCIAL SESC/MA Nº 15/0019-PG, que entre si fazem o Serviço Social do Comércio

Leia mais

TERMO DE REFERÊNCIA. 1. Objeto. 2. Antecedentes. 3. Objeto da Licitação

TERMO DE REFERÊNCIA. 1. Objeto. 2. Antecedentes. 3. Objeto da Licitação TERMO DE REFERÊNCIA 1. Objeto 1.1. Contratação de empresa especializada em auditoria de tecnologia da informação e comunicações, com foco em segurança da informação na análise de quatro domínios: Processos

Leia mais

INSTRUÇÕES AOS PROPONENTES CONTRATAÇÃO DE SERVIÇOS DE SEGURANÇA E VIGILÂNCIA ARMADA PARA AS INSTALAÇÕES DO ONS EM BRASÍLIA/DF

INSTRUÇÕES AOS PROPONENTES CONTRATAÇÃO DE SERVIÇOS DE SEGURANÇA E VIGILÂNCIA ARMADA PARA AS INSTALAÇÕES DO ONS EM BRASÍLIA/DF INSTRUÇÕES AOS PROPONENTES CONTRATAÇÃO DE SERVIÇOS DE SEGURANÇA E VIGILÂNCIA ARMADA PARA AS INSTALAÇÕES DO ONS EM BRASÍLIA/DF Ref: Aviso de Edital ADG nº 003/2014 publicado em 28/10/2014. 1 1. OBJETO A

Leia mais

ANEXO I T E R M O DE R E F E R Ê N C I A EDITAL DE PREGÃO Nº 04/14 CREMEB

ANEXO I T E R M O DE R E F E R Ê N C I A EDITAL DE PREGÃO Nº 04/14 CREMEB ANEXO I T E R M O DE R E F E R Ê N C I A EDITAL DE PREGÃO Nº 04/14 CREMEB 1 - DO OBJETO Constitui objeto da presente licitação a aquisição de: 1.1-08 (oito) LICENÇAS modalidade MICROSOFT OPEN, sendo: 01

Leia mais

Pergunta 01 No item 01 Desktops, está sendo solicitado o seguinte:

Pergunta 01 No item 01 Desktops, está sendo solicitado o seguinte: QUESTIONAMENTOS PREGÃO ELETRÔNICO Nº 002/2012 Pergunta 01 No item 01 Desktops, está sendo solicitado o seguinte: 1) Brilho: 250 cd/m2;interface: RF, D-sub, CVBS, S-Video no mínimo; Tendo em vista que as

Leia mais

CONTRATAÇÃO DE EMPRESA ESPECIALIZADA EM SERVIÇOS DE ENGENHARIA PARA ADEQUAÇÃO DE ÁREA PARA BIBLIOTECA, SALA DE TREINAMENTO E SALA DE ENGENHARIA DA AGG

CONTRATAÇÃO DE EMPRESA ESPECIALIZADA EM SERVIÇOS DE ENGENHARIA PARA ADEQUAÇÃO DE ÁREA PARA BIBLIOTECA, SALA DE TREINAMENTO E SALA DE ENGENHARIA DA AGG PROJETO BÁSICO Nº 040/2009 CONTRATAÇÃO DE EMPRESA ESPECIALIZADA EM SERVIÇOS DE ENGENHARIA PARA ADEQUAÇÃO DE ÁREA PARA BIBLIOTECA, SALA DE TREINAMENTO E SALA DE ENGENHARIA DA AGG Rua José de Alencar, 2.613

Leia mais

Sobre o questionamento dessa empresa informo o seguinte:

Sobre o questionamento dessa empresa informo o seguinte: PROCURADORIA GERAL DA REPÚBLICA SECRETARIA DE ADMINISTRAÇÃO COMISSÃO PERMANENTE DE LICITAÇÃO Ofício nº 020/2011-PREG/PGR REF. Pregão 054 /2011 Brasília, 10 de junho de 2011 DO: Pregoeiro/Procuradoria Geral

Leia mais

ATO CONVOCATÓRIO 002 2013. OBJETO: Credenciamento de Consultores

ATO CONVOCATÓRIO 002 2013. OBJETO: Credenciamento de Consultores ATO CONVOCATÓRIO 002 2013 OBJETO: Credenciamento de Consultores O INSTITUTO QUALIDADE MINAS, pessoa jurídica de Direito privado sem fins lucrativos, qualificada como Organização da Sociedade Civil de Interesse

Leia mais

Divulgação do Edital: 15/03/2016

Divulgação do Edital: 15/03/2016 DIRETORIA DE GESTÃO CORPORATIVA DG Superintendência de Suprimento de Material e Serviços GSS Gerência de Aquisição de Material e Serviços Corporativos GSSC Objeto: Credenciamento de pessoas físicas instrutores,

Leia mais

ESTADO DE GOIÁS CÂMARA MUNICIPAL DE INHUMAS Palácio Fulgêncio Alves Soyer

ESTADO DE GOIÁS CÂMARA MUNICIPAL DE INHUMAS Palácio Fulgêncio Alves Soyer CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS N. 010/2013 Termo de contrato de locação de softwares que entre si celebram a CÂMARA MUNICIPAL DE INHUMAS, pessoa jurídica de direito público, com sede na Praça Santana,

Leia mais

ESTADO DE SANTA CATARINA MUNICIPIO DE XAXIM Rua Rui Barbosa n. 347 Fone: 3353-8200 CEP: 89825-000 XAXIM CNPJ: 82.854.670/0001-30

ESTADO DE SANTA CATARINA MUNICIPIO DE XAXIM Rua Rui Barbosa n. 347 Fone: 3353-8200 CEP: 89825-000 XAXIM CNPJ: 82.854.670/0001-30 CONTRATO N. 033/2014 CELEBRADO ENTRE O MUNICÍPIO DE XAXIM/FUNDO MUNICIPAL DE SAÚDE E A EMPRESA DENTAL GORGES LTDA- EPP. O Município de XAXIM, Através do Fundo Municipal da Saúde, com inscrição no CNPM/MF

Leia mais

TERMO DE REFERÊNCIA GESER Nº 06/07 SEGURANÇA CONTRA INCÊNDIO E PÂNICO

TERMO DE REFERÊNCIA GESER Nº 06/07 SEGURANÇA CONTRA INCÊNDIO E PÂNICO Ministério da Fazenda SUPERINTENDÊNCIA DE SEGUROS PRIVADOS TERMO DE REFERÊNCIA GESER Nº 06/07 SEGURANÇA CONTRA INCÊNDIO E PÂNICO 1- DO OBJETO Visa este Termo de Referência à contração de empresa especializada

Leia mais

Assuntos relacionados ao departamento de TI que requer suporte para encontrar uma solução

Assuntos relacionados ao departamento de TI que requer suporte para encontrar uma solução Assuntos relacionados ao departamento de TI que requer suporte para encontrar uma solução Procedimentos a serem seguidos pela diretoria, gerentes e funcionários. As informações serão passadas para os gerentes

Leia mais

Termo de Referência Manutenção Preventiva e Corretiva de Equipamentos Ativos de Rede de Dados do Palácio da Cidade

Termo de Referência Manutenção Preventiva e Corretiva de Equipamentos Ativos de Rede de Dados do Palácio da Cidade PREFEITURA DA CIDADE DO RIO DE JANEIRO Empresa Municipal de Informática S.A. - IplanRio Termo de Referência Manutenção Preventiva e Corretiva de Equipamentos Ativos de Rede de Dados do Palácio da Cidade

Leia mais

ANEXO I ESPECIFICAÇÃO DOS SERVIÇOS

ANEXO I ESPECIFICAÇÃO DOS SERVIÇOS ANEXO I ESPECIFICAÇÃO DOS SERVIÇOS DOS REQUISITOS PARA PRESTAÇÃO DO SERVIÇO: A CONTRATADA deverá atender os seguintes requisitos de qualidade do serviço: 1) Quando ocorrer chamado telefônico, comunicação

Leia mais

Art. 3º - Além do serviço de Agenciamento de Viagens, o instrumento convocatório poderá prever, justificadamente, outros serviços correlatos.

Art. 3º - Além do serviço de Agenciamento de Viagens, o instrumento convocatório poderá prever, justificadamente, outros serviços correlatos. Campinas, 12 de março de 2015. Of. 18.222 O.E. Sr. Edner Mabeline LNX TRAVEL VIAGENS E TURISMO EIRELE Assunto: Esclarecimentos Pregão Presencial NLP 003/2015 Prezados Senhores, Em resposta à solicitação

Leia mais

Tribunal de Justiça do Estado de Mato Grosso

Tribunal de Justiça do Estado de Mato Grosso QUESTIONAMENTO 01 BRUNA APARECIDA SOUZA AO SR. PREGOEIRO RESPONSÁVEL PELO CERTAME DO TRIBUNAL DE JUSTIÇA DO ESTADO DO, PREGÃO ELETRÔNICO Nº 100/2015 - SRP, MANUTENÇÃO DE VEÍCULOS. Prezados, bom dia! A

Leia mais

1. Descrição dos Serviços de Implantação da SOLUÇÃO

1. Descrição dos Serviços de Implantação da SOLUÇÃO Este documento descreve os serviços que devem ser realizados para a Implantação da Solução de CRM (Customer Relationship Management), doravante chamada SOLUÇÃO, nos ambientes computacionais de testes,

Leia mais

EDITAL Nº 03/2007 CHAMAMENTO PARA CREDENCIAMENTO DE LABORATÓRIOS DE ANÁLISES CLÍNICAS.

EDITAL Nº 03/2007 CHAMAMENTO PARA CREDENCIAMENTO DE LABORATÓRIOS DE ANÁLISES CLÍNICAS. EDITAL Nº 03/2007 CHAMAMENTO PARA CREDENCIAMENTO DE LABORATÓRIOS DE ANÁLISES CLÍNICAS. O MUNICÍPIO DE PALMAS, no Estado do Tocantins, através da Secretaria Municipal de Saúde, pela COMISSÃO ESPECIAL DE

Leia mais

Secretaria da Educação do Estado da Bahia SEC CONTRATAÇÃO EMERGENCIAL TERMO DE REFERÊNCIA

Secretaria da Educação do Estado da Bahia SEC CONTRATAÇÃO EMERGENCIAL TERMO DE REFERÊNCIA Secretaria da Educação do Estado da Bahia SEC CONTRATAÇÃO EMERGENCIAL TERMO DE REFERÊNCIA 1. TÍTULO Contratação de empresa de informática para prestar serviços nos ambientes tecnológicos da SEC. 2. OBJETO

Leia mais

EDITAL DE LICITAÇÃO. Pregão nº 17/2015. Processo PRO nº 12053/2015 e SC 019234 PERGUNTAS E RESPOSTAS. Primeira Emissão: 02/06/2015

EDITAL DE LICITAÇÃO. Pregão nº 17/2015. Processo PRO nº 12053/2015 e SC 019234 PERGUNTAS E RESPOSTAS. Primeira Emissão: 02/06/2015 EDITAL DE LICITAÇÃO Pregão nº 17/2015 Processo PRO nº 12053/2015 e SC 019234 PERGUNTAS E RESPOSTAS Primeira Emissão: 02/06/2015 Pergunta n 01: Declara o Edital 9. DO PAGAMENTO 9.1. O pagamento dar-se-á

Leia mais

TERMO DE REFERÊNCIA Prestação de Serviço Telefônico Móvel de Dados, na modalidade Sms (Short Message Service - Serviço de Mensagens Curtas de Texto)

TERMO DE REFERÊNCIA Prestação de Serviço Telefônico Móvel de Dados, na modalidade Sms (Short Message Service - Serviço de Mensagens Curtas de Texto) TERMO DE REFERÊNCIA Prestação de Serviço Telefônico Móvel de Dados, na modalidade Sms (Short Message Service - Serviço de Mensagens Curtas de Texto) 1 1 - OBJETO 1.1 Registro de Preços para prestação de

Leia mais

INSTRUÇÃO NORMATIVA DO SISTEMA DE TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO - STI Nº 002/2015

INSTRUÇÃO NORMATIVA DO SISTEMA DE TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO - STI Nº 002/2015 INSTRUÇÃO NORMATIVA DO SISTEMA DE TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO - STI Nº 002/2015 DISPÔE SOBRE AS NORMAS E PROCEDIMENTOS NO TOCANTE À AQUISIÇÃO, LOCAÇÃO E UTILIZAÇÃO DE SOFTWARE, HARDWARE, SUPRIMENTOS DE TECNOLOGIA

Leia mais

TERMO DE REFERÊNCIA - TR Pregão Eletrônico nº 016/2008

TERMO DE REFERÊNCIA - TR Pregão Eletrônico nº 016/2008 CENTRO DE TECNOLOGIA DE INFORMAÇÃO E COMUNICAÇÃO DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO TERMO DE REFERÊNCIA - TR Pregão Eletrônico nº 016/2008 Anexo II 1 DO OBJETO 1.1 - Prestação de serviços de suporte técnico assistido

Leia mais

TERMO DE REFERÊNCIA PARA CONTRATAÇÃO DE EMPRESA DE MANUTENÇÃO PREVENTIVA E CORRETIVA DOS SISTEMAS DE SDAI E CFTV DA BIBLIOTECA PARQUE ESTADUAL BPE

TERMO DE REFERÊNCIA PARA CONTRATAÇÃO DE EMPRESA DE MANUTENÇÃO PREVENTIVA E CORRETIVA DOS SISTEMAS DE SDAI E CFTV DA BIBLIOTECA PARQUE ESTADUAL BPE TERMO DE REFERÊNCIA PARA CONTRATAÇÃO DE EMPRESA DE MANUTENÇÃO PREVENTIVA E CORRETIVA DOS SISTEMAS DE SDAI E CFTV DA BIBLIOTECA PARQUE ESTADUAL BPE 1. OBJETO Contratação de empresa especializada em serviços

Leia mais

TERMO DE REFERENCIA N.º 019/2012

TERMO DE REFERENCIA N.º 019/2012 TERMO DE REFERENCIA N.º 019/2012 CONTRATAÇAO DE EMPRESA ESPECIALIZADA NA PRESTAÇAO DOS SERVIÇOS DE MONITORAMENTO ELETRONICO (RONDA) PARA ATENER A ELETROBRAS DISTRIBUIÇAO RONDONIA - EDRO Porto Velho, 2012

Leia mais

INSTRUÇÃO NORMATIVA Nº 3, DE 18 DE DEZEMBRO DE 2014

INSTRUÇÃO NORMATIVA Nº 3, DE 18 DE DEZEMBRO DE 2014 INSTRUÇÃO NORMATIVA Nº 3, DE 18 DE DEZEMBRO DE 2014 Institui a Política de Integração e Segurança da Informação do Sistema de Cadastro Ambiental Rural e dá outras providências. A MINISTRA DE ESTADO DO

Leia mais

Consórcio Fênix Rua Cândido Ramos nº550 - CEP 88090.800 Capoeiras - Florianópolis/SC - Brasil CNPJ 19.962.391/0001-53 sac@consorciofenix.com.

Consórcio Fênix Rua Cândido Ramos nº550 - CEP 88090.800 Capoeiras - Florianópolis/SC - Brasil CNPJ 19.962.391/0001-53 sac@consorciofenix.com. 1 2 CONSÓRCIO FÊNIX PREFEITURA MUNICIPAL DE FLORIANÓPOLIS SECRETARIA MUNICIPAL DE MOBILIDADE URBANA - SMMU MANUAL DOS USUÁRIOS DO SISTEMA SIM MODALIDADE POR ÔNIBUS DIREITOS E DEVERES DAS PARTES ENVOLVIDAS

Leia mais

Termos de Uso Sistema Diário de Obras Online

Termos de Uso Sistema Diário de Obras Online Termos de Uso Sistema Diário de Obras Online Estes são os termos que determinarão o nosso relacionamento Este contrato refere-se ao sistema Diário de Obras Online, abrangendo qualquer uma de suas versões

Leia mais

REQUISIÇÃO DE PROPOSTA. 1.1 Desenvolver o Plano de Continuidade de Negócios - PCN com base na ISO 22301.

REQUISIÇÃO DE PROPOSTA. 1.1 Desenvolver o Plano de Continuidade de Negócios - PCN com base na ISO 22301. REQUISIÇÃO DE PROPOSTA Esta Requisição de Proposta foi elaborada pela Gerência de Segurança Empresarial - GESEM da Cartão BRB e tem como objetivo fornecer aos interessados as especificações do objeto abaixo,

Leia mais

Termo de Cooperação Nº XXX/2015. especificam.

Termo de Cooperação Nº XXX/2015. especificam. Termo de Cooperação Nº XXX/2015 Termo de Cooperação que entre si celebram a Secretaria de Estado da Fazenda e a XXXXXXXXXXXXXXX, para fins que especificam. A SECRETARIA DE ESTADO DA FAZENDA SEFA/PR, com

Leia mais

PORTARIA Nº 7.596, DE 11 DE DEZEMBRO DE 2014.

PORTARIA Nº 7.596, DE 11 DE DEZEMBRO DE 2014. PORTARIA Nº 7.596, DE 11 DE DEZEMBRO DE 2014. Regulamenta as atribuições e responsabilidades da Secretaria de Tecnologia da Informação e Comunicações do Tribunal Regional do Trabalho da 4ª Região e dá

Leia mais

CHAMADA PÚBLICA PARA COTAÇÃO PRÉVIA DE PREÇOS Nº 021/2014 PROCESSO ADMINISTRATIVO Nº: 041/2014

CHAMADA PÚBLICA PARA COTAÇÃO PRÉVIA DE PREÇOS Nº 021/2014 PROCESSO ADMINISTRATIVO Nº: 041/2014 CHAMADA PÚBLICA PARA COTAÇÃO PRÉVIA DE PREÇOS Nº 021/2014 PROCESSO ADMINISTRATIVO Nº: 041/2014 OBJETO: Contratação de empresa especializada na Prestação de Serviços de Segurança Eletrônica, com monitoramento

Leia mais

1.3 Os serviços elencadas na tabela acima devem apresentar-se dentro das normas de qualidade exigidas pelas legislações aplicáveis.

1.3 Os serviços elencadas na tabela acima devem apresentar-se dentro das normas de qualidade exigidas pelas legislações aplicáveis. CONTRATO DE LOCAÇÃO DE SOFTWARE CONTRATO QUE ENTRE SI FIRMAM O FUNDO MUNICIPAL DE SAÚDE DO MUNICÍPIO DE MINEIROS E A EMPRESA BATISTA E MULLER TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO LTDA-ME, PARA IMPLANTAÇÃO, TREINAMENTO,

Leia mais

MINUTA DE CONTRATO ADMINISTRATIVO Nº /2011

MINUTA DE CONTRATO ADMINISTRATIVO Nº /2011 MINUTA DE CONTRATO ADMINISTRATIVO Nº /2011 CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS DE VIGILÂNCIA MONITORADA, INCLUINDO A INSTALAÇÃO DE EQUIPAMENTOS E INSUMOS, PARA A SEÇÃO JUDICIÁRIA DO ESPÍRITO SANTO, QUE ENTRE

Leia mais

TERMO DE DOAÇÃO COM ENCARGOS

TERMO DE DOAÇÃO COM ENCARGOS TERMO DE DOAÇÃO COM ENCARGOS TERMO DE DOAÇÃO COM ENCARGOS, QUE CELEBRAM ENTRE SI A UNIÃO FEDERAL, POR INTERMÉDIO DO MINISTÉRIO DAS COMUNICAÇÕES E O MUNICÍPIO DE BURI, NO ESTADO DE SÃO PAULO. A união, por

Leia mais

TRIBUNAL SUPERIOR DO TRABALHO PRESIDÊNCIA ATO Nº 345/SETIN.SEGP.GP, DE 16 DE JUNHO DE 2015

TRIBUNAL SUPERIOR DO TRABALHO PRESIDÊNCIA ATO Nº 345/SETIN.SEGP.GP, DE 16 DE JUNHO DE 2015 TRIBUNAL SUPERIOR DO TRABALHO PRESIDÊNCIA ATO Nº 345/SETIN.SEGP.GP, DE 16 DE JUNHO DE 2015 Reestrutura as unidades vinculadas à Secretaria de Tecnologia da Informação SETIN do Tribunal Superior do Trabalho.

Leia mais

Este Manual aplica-se a todos os Usuário de T.I. do Ministério Público de Goiás. ATIVIDADE AUTORIDADE RESPONSABILIDADE Manter o Manual Atualizado

Este Manual aplica-se a todos os Usuário de T.I. do Ministério Público de Goiás. ATIVIDADE AUTORIDADE RESPONSABILIDADE Manter o Manual Atualizado Versão 01 - Página 1/8 1 Objetivo Orientar o usuário de T.I. a solicitar atendimento. Mostrar o fluxo da solicitação. Apresentar a Superintendência 2 Aplicação Este Manual aplica-se a todos os Usuário

Leia mais

SISTEMAS DE NEGÓCIOS. a) SISTEMAS DE APOIO EMPRESARIAIS

SISTEMAS DE NEGÓCIOS. a) SISTEMAS DE APOIO EMPRESARIAIS 1 SISTEMAS DE NEGÓCIOS a) SISTEMAS DE APOIO EMPRESARIAIS 1. COLABORAÇÃO NAS EMPRESAS Os sistemas colaborativos nas empresas nos oferecem ferramentas para nos ajudar a colaborar, comunicando idéias, compartilhando

Leia mais

EDITAL DE CHAMADA PÚBLICA Nº 03/2014

EDITAL DE CHAMADA PÚBLICA Nº 03/2014 EDITAL DE CHAMADA PÚBLICA Nº 03/2014 O Município de Vale do Sol, RS, através do Prefeito Municipal. Sr. Clécio Halmenschlager, comunica aos interessados que está procedendo ao CREDENCIAMENTO de pessoas

Leia mais

GABINETE DO MINISTRO

GABINETE DO MINISTRO GABINETE DO MINISTRO PORTARIA Nº 265, DE 16 DE NOVEMBRO DE 2001 O MINISTRO DE ESTADO DO PLANEJAMENTO, ORÇAMENTO E GESTÃO, no uso de suas atribuições, e considerando o disposto no art. 8º do Decreto nº

Leia mais

ANEXO I TERMO DE REFERÊNCIA

ANEXO I TERMO DE REFERÊNCIA GERENCIA EXECUTIVA DE TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO 1 RELAÇÃO DE ITENS ASSUNTOS 1. OBJETIVO... 1 2. DO OBJETO... 2 3. DA JUSTIFICATIVA DO OBJETO... 2 4. DAS ESPECIFICAÇÕES DOS SERVIÇOS... 2 5. DA PRESTAÇÃO

Leia mais

TERMO DE REFERÊNCIA. 1.1. Gestões a serem auditadas: Contábil, Financeira, Patrimonial, Administrativa.

TERMO DE REFERÊNCIA. 1.1. Gestões a serem auditadas: Contábil, Financeira, Patrimonial, Administrativa. GOVERNO DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO SECRETARIA DE ESTADO DE PLANEJAMENTO E GESTÃO FUNDAÇÃO DE PREVIDÊNCIA COMPLEMENTAR DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO TERMO DE REFERÊNCIA 1 DO OBJETO 1.1. Contratação de empresa

Leia mais

Informações sobre oportunidades de trabalho na INTELECTO CONTACT CENTER

Informações sobre oportunidades de trabalho na INTELECTO CONTACT CENTER Informações sobre oportunidades de trabalho na INTELECTO CONTACT CENTER ASSISTENTE DE DEPARTAMENTO PESSOAL Salário a combinar São Bernardo do Campo/SP Atribuições: Atendimento aos clientes, organização

Leia mais

I. RESUMO DE SERVIÇOS

I. RESUMO DE SERVIÇOS I. RESUMO DE SERVIÇOS Definição de Usuário Período de Vigência Serviços A) Orientação para Solução de Problemas ASSISTÊNCIA HELP DESK Entende-se por Usuário, o titular do plano contratado, desde que tenha

Leia mais

PROCESSO LICITATÓRIO Nº 018/2014 COMPRA DIRETA POR DISPENSA DE LICITAÇÃO EDITAL Nº 011/2014

PROCESSO LICITATÓRIO Nº 018/2014 COMPRA DIRETA POR DISPENSA DE LICITAÇÃO EDITAL Nº 011/2014 PROCESSO LICITATÓRIO Nº 018/2014 COMPRA DIRETA POR DISPENSA DE LICITAÇÃO EDITAL Nº 011/2014 1. DA LICITAÇÃO O Instituto de Previdência dos Servidores Municipais de Paranaguá, PARANAGUÁ PREVIDÊNCIA, por

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DE FRANCA Secretaria de Planejamento e Gestão Econômica Divisão de Licitações e Compras Convite nº 081/2007 Fls.

PREFEITURA MUNICIPAL DE FRANCA Secretaria de Planejamento e Gestão Econômica Divisão de Licitações e Compras Convite nº 081/2007 Fls. Convite nº 081/2007 Fls. 1 CARTA CONVITE Processo nº 11784/05 Convite nº 081/2007 Entrega Envelopes até o dia: 15 de junho de 2007, às 14h00. Abertura Envelopes dia: 15 de junho de 2007, às 14h30. A COMISSÃO

Leia mais

PORTARIA Nº 236, DE 29 DE DEZEMBRO DE 2014.

PORTARIA Nº 236, DE 29 DE DEZEMBRO DE 2014. PORTARIA Nº 236, DE 29 DE DEZEMBRO DE 2014. Regulamenta o credenciamento de empresas de tecnologia para geração de códigos de segurança cifrados (CSC) inseridos em códigos bidimensionais de resposta rápida

Leia mais