CELEBRAÇÕES NA COMUNIDADE ORIENTAÇÕES PARA AS CELEBRAÇÕES

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "CELEBRAÇÕES NA COMUNIDADE ORIENTAÇÕES PARA AS CELEBRAÇÕES"

Transcrição

1 CELEBRAÇÕES NA COMUNIDADE ORIENTAÇÕES PARA AS CELEBRAÇÕES A catequese deve iniciar o catequizando na vida litúrgica da comunidade. Nesse sentido, é importante que o catequista leve seu grupo de catequese em visitas à igreja com muita freqüência. Na igreja podem ser realizados os momentos de oração dos encontros e diversas práticas de devoções da religiosidade popular, como a Via Sacra, a oração do terço (ou dezena), adoração ao Santíssimo Sacramento, etc. O grupo de catequistas deve estar afinado com a equipe de liturgia. Disso depende uma boa celebração. A catequese é uma introdução na vida cristã, mais especificamente, deve fazer ecoar a experiência do encontro com Deus. Ora, as celebrações litúrgicas são os lugares privilegiados para isto, quando a comunidade de fé está reunida em torno do Senhor. Será importante valorizar os momentos de silêncio, o espaço sagrado, a Palavra de Deus, os cantos. Tudo deve ajudar para que a criatura se encontre com o Criador. As celebrações devem fazer brilhar a presença de Deus no meio de seu povo. Abaixo seguem algumas sugestões para as celebrações na comunidade. É preciso fazer as adaptações necessárias à realidade e às situações de cada localidade. É muito interessante que sejam celebrações orantes, agradáveis e não prolongadas. Muitos pais e catequizandos não estão habituados à participação freqüente de nossas celebrações, neste caso, o menos é mais. É importante propor celebrações onde todos sejam convidados a participar com suas famílias. Sugestões de Celebrações 1. Participar das celebrações do Tríduo Pascal (especialmente a celebração da Instituição da Eucaristia a Ceia do Senhor, na noite

2 de quinta-feira santa; e a grande Vigília Pascal, na noite do Sábado de Aleluia); 2. Participar da celebração de um batizado na comunidade; 3. Realizar na comunidade a celebração da Renovação das Promessas do Batismo; 4. Realizar a Celebração da Penitência Confissões - (não fazer apenas como desobriga, nas vésperas da Primeira Eucaristia, mas antecipadamente, com a devida preparação nos encontros anteriores); 5. Em agosto, o mês dedicado às vocações, pode-se celebrar as diferentes vocações do cristão: o matrimônio (semana nacional da família), a vida religiosa, o sacerdócio. De modo especial, valorizar o papel dos leigos nos serviços da comunidade, sobretudo os leigos que se dedicam ao ministério da catequese. Celebração de Início da Catequese (Bênção de envio de catequistas, catequizandos e suas famílias no início do ano catequético) Preparar: 1. Bíblias para entregar às catequistas 2. Água benta para a bênção final Estrutura da celebração: 1. Entrar em procissão e colocar-se em local preparado para o grupo de catequizandos e para os catequistas 2. Acolhida de quem preside 3. Diálogo com catequizandos, catequistas e comunidade 4. Oração 5. Antes da Liturgia da Palavra: Entrega da Bíblia aos catequistas 6. No final, após a comunhão: Envio dos catequizandos: colocam-se diante do altar para a bênção com água

3 1- Acolhida (opcional) Catequizandos e catequistas reúnem-se na entrada da Igreja e entram em procissão com quem preside a celebração, enquanto se entoa um canto apropriado, escolhido pela comunidade. Comentário inicial: Sejam todos bem-vindos a esta celebração. Somos a Igreja reunida em torno do Senhor Jesus, para fazer memória de sua paixão, morte e ressurreição. Ele está no meio de nós. Nesta certeza, nos alegramos em acolher aqueles que se preparam para receber a Primeira Eucaristia. Vamos recebê-los, junto com seus catequistas e pedir a bênção de Deus para o caminho que eles irão percorrer. Saudação: S.: Em nome do Pai + do Filho e do Espírito Santo. S.: O Senhor esteja convosco. T.: Ele está no meio de nós. S.: Estamos felizes em acolher catequizandos e catequistas que iniciam a caminhada em preparação à Primeira Eucaristia. Na certeza de que Cristo está no meio de nós, queremos abençoar esses irmãos e irmãs para a missão de conhecer e amar o Senhor Jesus. Para que estejamos em unidade, vamos nos comprometer uns com os outros nessa estrada comum. Por isso, diante da comunidade aqui reunida, eu lhes pergunto: a) (Dirigindo-se aos catequizandos) Vocês todos, que se preparam para participar da Mesa da Eucaristia, se desejarem ser discípulos de Cristo e alimentarem-se do seu Pão e da sua Palavra, é preciso que vocês conheçam a Verdade que ele revelou, que aprendam a terem os mesmos sentimentos de Jesus, e vivam segundo o Evangelho. Amem o Senhor Deus e o próximo, como Cristo nos mandou fazer e ele mesmo nos deu o exemplo. Cada um de vocês está de acordo com tudo isso? Catequizandos: Estou! b) (Dirigindo-se aos catequistas) E vocês, catequistas, a quem esta comunidade confia a missão de introduzir nos caminhos da fé e da Igreja estes catequizandos, vocês estão dispostos a encaminhá-los no seguimento de Jesus, na oração, nas celebrações, na vida comunitária e na solidariedade fraterna?

4 Catequistas: Estou! c) (Dirigindo-se à comunidade) E vocês, que formam esta comunidade, estão dispostos a ajudar estes nossos irmãos e irmãs, acolhendo a Palavra do Senhor, alimentando-se da Eucaristia e testemunhando, com gestos e palavras, o que o Senhor nos revelou? T.: Estamos! S.: Que o Senhor confirme este propósito comum que assumimos como Igreja viva, discípula e missionária de Jesus Cristo. Que ele nos conduza pelos caminhos do Evangelho para que sua vontade se realize em nós. Isto pedimos ao Pai, pelo Filho Jesus, no Espírito Santo: Glória Oração do Dia 2. Antes da Liturgia da Palavra (Entrega da Bíblia às catequistas) Comentário: Convidamos os catequistas para se aproximarem da Mesa da Palavra, onde receberão a Bíblia, Livro Santo da nossa fé, que deverão partilhar com seu grupo de catequese. (O grupo de catequistas se aproxima da Mesa da Palavra e quem preside a celebração entrega a Bíblia a todos, ao final diz:) S.: Recebam o livro da Palavra de Deus. Que ela seja luz para a sua vida. Transmitam o que ela ensina, e vivam o que ela pede. Catequistas: Amém! Leitura do dia Salmo do dia Leitura do dia Aclamação ao Evangelho Evangelho do dia (Segue normalmente a celebração)

5 3. Bênção Final e Envio Comentário: Convidamos todos os catequizandos e os catequistas para que se aproximem do altar da celebração e se ajoelhem para receber a bênção. (De mãos estendidas sobre eles, quem preside diz a oração) S.: Oremos. Deus de amor e bondade, que desejais salvar a todos e leválos ao conhecimento da Verdade, aumentai a fé nos corações dos que se preparam para a Primeira Eucaristia, para serem dignos de participar da comunhão convosco. Sejam assim conduzidos pelo caminho do Evangelho. Vivam o amor e a solidariedade com todas as pessoas e cuidem da natureza, que vós criastes. Enfim, sejam herdeiros do Reino que para todos preparastes. Por Cristo, nosso Senhor. (Aspergindo água, abençoar) S.: E a todos vós aqui reunidos, abençoe-vos Deus todo poderoso, Pai+, Filho e Espírito Santo.

Festa do Acolhimento. 1º Ano 2008/2009 Missionários Passionistas

Festa do Acolhimento. 1º Ano 2008/2009 Missionários Passionistas Festa do Acolhimento 1º Ano 2008/2009 Missionários Passionistas Introdução à Eucaristia Hoje vamos festejar o acolhimento. Acolher é receber bem, encaminhar, proteger, ajudar. Este ano estamos a acolher

Leia mais

2ºDOMINGO DO TEMPO DO ADVENTO ANO B - (04/12/11)

2ºDOMINGO DO TEMPO DO ADVENTO ANO B - (04/12/11) Vivendo a Liturgia 2ºDOMINGO DO TEMPO DO ADVENTO ANO B - (04/12/11) Dezembro/2011 (João Batista) A cor litúrgica para esta celebração é a roxa. Poderia ser feito um mural específico para esta celebração

Leia mais

F e s t a d a V i d a

F e s t a d a V i d a Cântico de entrada (A entrada será feita pelo fundo da igreja a qual estará adornada de Festa. À frente da procissão de entrada vai um catequista com a Cruz grande (a da Caminhada) outro com a Bíblia seguidos

Leia mais

CANTOS DA PRIMEIRA EUCARISTIA

CANTOS DA PRIMEIRA EUCARISTIA CANTOS DA PRIMEIRA EUCARISTIA CANTO DE ENTRADA: E B7 E B7 E B7 E B7 E Jesus meu amigo, estou aqui, estou aqui para celebrar, para agradecer e A B7 partilhar o pão e a Fé. A B G#m C#m A F# B7 Celebrar o

Leia mais

ENCONTRO VOCACIONAL PARA CATEQUESE

ENCONTRO VOCACIONAL PARA CATEQUESE ENCONTRO VOCACIONAL PARA CATEQUESE 1. OBJETIVO DO ENCONTRO Este encontro tem por objetivo despertar as crianças para a realidade da VOCAÇÃO como o chamado de Deus e a necessidade da resposta humana. 2.

Leia mais

FEVEREIRO 1 Quarta - Início das inscrições para o mutirão de casamentos (encerra-se em maio) 2 Quinta 3 Sexta

FEVEREIRO 1 Quarta - Início das inscrições para o mutirão de casamentos (encerra-se em maio) 2 Quinta 3 Sexta CALENDÁRIO ANUAL DA PARÓQUIA SÃO JOÃO EVANGELISTA ANO 2012 JANEIRO 1 Domingo - Do dia 1 a 31 inscrição para coroinhas - Missa em ação de graças pelas famílias 2 Segunda 3 Terça - Reunião do Conselho Pastoral

Leia mais

O Grande Milagre A Missa é a maior, a mais completa e a mais poderosa Oração da qual dispõe o católico!

O Grande Milagre A Missa é a maior, a mais completa e a mais poderosa Oração da qual dispõe o católico! A SANTA MISSA EXPLICADA O Grande Milagre A Missa é a maior, a mais completa e a mais poderosa Oração da qual dispõe o católico! A SANTA MISSA Nesta Cerimônia ímpar, Cristo é ao mesmo tempo Vítima e Sacerdote,

Leia mais

Missal Romano. Grupo de Acólitos São João da Madeira

Missal Romano. Grupo de Acólitos São João da Madeira Missal Romano Grupo de Acólitos São João da Madeira A estrutura da missa Antes de vermos a estrutura do missal, é conveniente relembrarmos a estrutura de uma Missa comum, para que possamos mais facilmente

Leia mais

PLANIFICAÇÃO ANUAL DE RELIGIÃO DO 1º CICLO 1º ANO

PLANIFICAÇÃO ANUAL DE RELIGIÃO DO 1º CICLO 1º ANO PLANIFICAÇÃO ANUAL DE RELIGIÃO DO 1º CICLO 1º ANO TÓPICOS 1º PERÍODO OBJECTIVOS ORAÇÕES / DOUTRINA CRISTÃ ACTIVIDADES CELEBRAÇÕES AVALIAÇÃO A criação Deus é grande e poderoso Tudo nos fala de Deus Deus

Leia mais

- Quão formosos sobre os montes! São os pés do que anuncia e prega a paz. - Ide pelo mundo inteiro! E pregai o Evangelho

- Quão formosos sobre os montes! São os pés do que anuncia e prega a paz. - Ide pelo mundo inteiro! E pregai o Evangelho Ide pelo mundo inteiro e pregai o Evangelho. Por vontade de Jesus, a Igreja deve continuar a sua obra na terra sendo o Sacramento Universal da Salvação. Evangelizar é levar a Boa Nova de Jesus a toda humanidade,

Leia mais

Orações Eucarísticas para as Missas Com Crianças

Orações Eucarísticas para as Missas Com Crianças Orações Eucarísticas para as Missas Com Crianças Textos e melodias ORAÇÃO EUCARÍSTICA I v. O Senhor esteja convosco. R. Ele está no meio de nós. v. Corações ao alto. R. O nosso coração está em Deus. v.

Leia mais

Missa vespertina da Ceia do Senhor

Missa vespertina da Ceia do Senhor TRÍUO PASCAL 41 I QUINTA-FEIRA A CEIA O SENHOR Missa vespertina da Ceia do Senhor rmãos e irmãs: Elevemos as nossas súplicas ao Senhor Jesus, que lavou os pés aos Apóstolos e nos deu o sacerdócio e a Eucaristia,

Leia mais

PARA AJUDAR: Semana Santa: Domingo de Ramos: Por que usamos os ramos na Celebração que abre a Semana Santa?

PARA AJUDAR: Semana Santa: Domingo de Ramos: Por que usamos os ramos na Celebração que abre a Semana Santa? PARA AJUDAR: Semana Santa: celebra a Paixão, a Morte e a Ressurreição de Jesus Cristo. A Semana Santa começa com a celebração da entrada de Jesus em Jerusalém no Domingo de Ramos, e termina no Domingo

Leia mais

PROJETO DE INICIAÇÃO CRISTÃ. Bem-vindo ao Projeto de Iniciação Cristã do Colégio Anchieta!

PROJETO DE INICIAÇÃO CRISTÃ. Bem-vindo ao Projeto de Iniciação Cristã do Colégio Anchieta! PROJETO DE INICIAÇÃO CRISTÃ Bem-vindo ao Projeto de Iniciação Cristã do Colégio Anchieta! Conhecer Jesus é o melhor presente que qualquer pessoa pode receber; tê-lo encontrado foi o melhor que ocorreu

Leia mais

QUARTA FEIRA SANTA PROCISSÃO DO ENCONTRO NOSSO SENHOR DOS PASSOS E NOSSA SENHORA DAS DORES

QUARTA FEIRA SANTA PROCISSÃO DO ENCONTRO NOSSO SENHOR DOS PASSOS E NOSSA SENHORA DAS DORES A SEMANA SANTA (Por Marcelo Rodolfo da Costa) Sabemos bem que durante a Semana Santa, a Igreja celebra os mistérios da reconciliação, realizados pelo Senhor Jesus nos últimos dias da sua vida, começando

Leia mais

EXÉQUIAS DOS ADULTOS EXÉQUIAS EXÉQUIAS DOS ADULTOS

EXÉQUIAS DOS ADULTOS EXÉQUIAS EXÉQUIAS DOS ADULTOS 357 EXÉQUAS rmãos e irmãs Elevemos a nossa oração a Deus Pai todo-poderoso, que ressuscitou a Jesus Cristo, seu Filho, e imploremos a paz e a salvação dos vivos e dos mortos, dizendo (ou: cantando): Ou:

Leia mais

ABRO A PORTA À BONDADE DE DEUS. Caminhada do Advento e Natal 2015 DIOCESE DE AVEIRO

ABRO A PORTA À BONDADE DE DEUS. Caminhada do Advento e Natal 2015 DIOCESE DE AVEIRO ABRO A PORTA À BONDADE DE DEUS Caminhada do Advento e Natal 2015 DIOCESE DE AVEIRO INTRODUÇÃO «ABRO A PORTA À BONDADE DE DEUS» ANO DA MISERICÓRDIA PORTA SANTA INTRODUÇÃO «ABRO A PORTA À BONDADE DE DEUS»

Leia mais

Deixo com vocês a paz. É a minha paz que eu lhes dou; não lhes dou a paz como o mundo a dá. Não fiquem aflitos, nem tenham medo. (Jo 14.

Deixo com vocês a paz. É a minha paz que eu lhes dou; não lhes dou a paz como o mundo a dá. Não fiquem aflitos, nem tenham medo. (Jo 14. Qual a Paz que vivemos, que sonhamos? Deixo com vocês a paz. É a minha paz que eu lhes dou; não lhes dou a paz como o mundo a dá. Não fiquem aflitos, nem tenham medo. (Jo 14.27) (Encontro realizado na

Leia mais

A Ação do Espírito Santo. no Apostolado da Oração (AO) - Movimento Eucarístico Jovem (MEJ)

A Ação do Espírito Santo. no Apostolado da Oração (AO) - Movimento Eucarístico Jovem (MEJ) A Ação do Espírito Santo no Apostolado da Oração (AO) - Movimento Eucarístico Jovem (MEJ) O Espírito Santo, uma promessa de Jesus Descerá sobre vós o Espírito Santo e vos dará a força e sereis minhas testemunhas

Leia mais

Encontro de Formação Litúrgica. A Música Litúrgica

Encontro de Formação Litúrgica. A Música Litúrgica Encontro de Formação Litúrgica A Música Litúrgica Objetivos do nosso encontro Buscar conhecer alguns elementos da liturgia da Igreja que podem ser aplicados a Música e ao Canto na Celebração Questionar

Leia mais

Culto dos/as Catequistas e seus/as Aspirantes 15/08/12 Cor Litúrgica: Verde - Celebração na Faculdades EST. Prelúdio: Canto : A cada manhã 1

Culto dos/as Catequistas e seus/as Aspirantes 15/08/12 Cor Litúrgica: Verde - Celebração na Faculdades EST. Prelúdio: Canto : A cada manhã 1 Culto dos/as Catequistas e seus/as Aspirantes 15/08/12 Cor Litúrgica: Verde - Celebração na Faculdades EST Prelúdio: Canto : A cada manhã 1 (Durante o canto todos/as Ministros/as e aspirantes entram em

Leia mais

PROGRAMA DE CANTO. Escola de Música Paroquial de Avintes

PROGRAMA DE CANTO. Escola de Música Paroquial de Avintes PROGRAMA DE CANTO Escola de Música Paroquial de Avintes Programas de canto para as missas com crianças animadas pelo coro da Escola de Música Paroquial de Avintes António José Ferreira 1/11/2008 SUGESTÕES

Leia mais

Organização da Campanha

Organização da Campanha Mês das Missões O mês de outubro é, para a Igreja, o período no qual são intensificadas as iniciativas de animação e cooperação em prol das Missões em todo o mundo. O objetivo é sensibilizar, despertar

Leia mais

01. Paz na Terra, Glória a Deus nas Aturas - Glória a Deus nas alturas/ E paz na terra aos homens por Ele amados! (bis)

01. Paz na Terra, Glória a Deus nas Aturas - Glória a Deus nas alturas/ E paz na terra aos homens por Ele amados! (bis) 01. Paz na Terra, Glória a Deus nas Aturas - Comunidade Católica Shalom Glória a Deus nas alturas/ E paz na terra aos homens por Ele amados! (bis) Senhor Deus, Rei dos céus, Deus Pai Todo-poderoso Nós

Leia mais

53º Dia Mundial de Oração pelas Vocações

53º Dia Mundial de Oração pelas Vocações 53º Dia Mundial de Oração pelas Vocações Hora Santa Vocacional A Igreja, mãe de vocações Ambientação: Flores; círio; faixa com o tema da Mensagem do Papa próximo a um cartaz ou imagem do Bom Pastor. Altar

Leia mais

19 DE JUNHO DE 2013 Eu e minha casa serviremos ao Senhor. Josué 24.15

19 DE JUNHO DE 2013 Eu e minha casa serviremos ao Senhor. Josué 24.15 19 DE JUNHO DE 2013 Eu e minha casa serviremos ao Senhor. Josué 24.15 Prelúdio LITURGIA DE ENTRADA Acolhida Porém eu, pela riqueza da tua misericórdia, entrarei na tua casa e me prostrarei diante do teu

Leia mais

A LITURGIA NO TEMPO COMUM

A LITURGIA NO TEMPO COMUM Considerações e sugestões gerais A LITURGIA NO TEMPO COMUM O tempo comum ocupa a maior parte dos nossos dias. São 33 a 34 semanas, distribuídas entre os dois tempos especiais do ano litúrgico: o natal

Leia mais

FESTA DE CORPUS CRISTI. LUIZ ANTONIO BURIM Professor de Ensino Religioso.

FESTA DE CORPUS CRISTI. LUIZ ANTONIO BURIM Professor de Ensino Religioso. FESTA DE CORPUS CRISTI LUIZ ANTONIO BURIM Professor de Ensino Religioso. FESTA DE CORPUS CHRISTI A festa de Corpus Christi surgiu na Idade Média, no século XIII. A primeira festa de Corpus Christi realizou-se

Leia mais

Catequese 2º ano Ensina-nos a rezar (Revisões fim de ano)

Catequese 2º ano Ensina-nos a rezar (Revisões fim de ano) Catequese 2º ano Ensina-nos a rezar (Revisões fim de ano) Na catequese encontramos essencialmente uma Pessoa: Jesus, Filho único do Deus, que sofreu e morreu por nós e que agora, ressuscitado, vive connosco

Leia mais

LAUSPERENE 4 de Dezembro de 2011 - Carreço

LAUSPERENE 4 de Dezembro de 2011 - Carreço LAUSPERENE 4 de Dezembro de 2011 - Carreço MEIA HORA PARA TI! Cântico: Deixa Deus entrar Deixa Deus entrar na tua própria casa Deixa-te tocar pela sua graça Dentro em segredo reza-lhe sem medo Senhor,

Leia mais

DOMINGO DA OITAVA DA PÁSCOA (DOMINGO II DA PÁSCOA) Vésperas I Hi n o. Sa l m o d i a: Antífonas, salmos e cântico como no Domingo da Ressurreição.

DOMINGO DA OITAVA DA PÁSCOA (DOMINGO II DA PÁSCOA) Vésperas I Hi n o. Sa l m o d i a: Antífonas, salmos e cântico como no Domingo da Ressurreição. DOMINGO DA OITAVA DA PÁSCOA (DOMINGO II DA PÁSCOA) Vésperas I Le i t u r a b r e v e 1 Pedro 2, 9-10 Vós sois geração eleita, sacerdócio real, nação santa, povo adquirido por Deus, para anunciar os louvores

Leia mais

AGENDA PASTORAL 2012

AGENDA PASTORAL 2012 AGENDA PASTORAL 2012 PARÓQUIA SÃO SEBASTIÃO Diocese de Guaxupé Rua Nico Duarte, 950 Vila Cruz Poços de Caldas-MG MAIO 01 Ter 02 Quar 03 Quin 04 Sex Reunião Coordenadoras Mãe Rainha Reunião Comissão da

Leia mais

D. José da Cruz Policarpo. Actualidade da Palavra de Deus

D. José da Cruz Policarpo. Actualidade da Palavra de Deus D. José da Cruz Policarpo Actualidade da Palavra de Deus U n i v e r s i da d e C at ó l i c a E d i to r a Lisboa 2009 Sumário I. Descobrir a fecundidade da Palavra, caminhando com Paulo II. Aprofundar

Leia mais

Nº 31 C 13ºDomingo do Tempo Comum-26.6.2016

Nº 31 C 13ºDomingo do Tempo Comum-26.6.2016 Nº 31 C 13ºDomingo do Tempo Comum-26.6.2016 Vamos de Férias Com Jesus Que bom! Começaram as férias! Não há aulas, vamos para a praia, para o campo, para o estrangeiro... mas vamos com Jesus. Ouvimos no

Leia mais

A MISSA LITURGIA DO ENCONTRO

A MISSA LITURGIA DO ENCONTRO A MISSA LITURGIA DO ENCONTRO 2014 Liturgia significa... Originariamente, a palavra «liturgia» significa «obra pública», «serviço por parte dele em favor do povo». Na tradição cristã, quer dizer que o

Leia mais

Hora Santa Vocacional Dia de Oração pela Santificação do Clero

Hora Santa Vocacional Dia de Oração pela Santificação do Clero 1 Hora Santa Vocacional Dia de Oração pela Santificação do Clero PERMANECEI NO MEU AMOR Dirigente: Se é verdade que o convite do Senhor a permanecer no seu amor (Gv 15,9) é valido para todos os batizados,

Leia mais

Catedral Metropolitana (Rua Santo Antônio 1201 Centro)

Catedral Metropolitana (Rua Santo Antônio 1201 Centro) Catedral Metropolitana (Rua Santo Antônio 1201 Centro) Dia 23/03- Sábado 7h- Missa 16h30- Missa de Ramos para as crianças no Salão Paroquial Dia 24/03- Domingo de ramos 7h, 10h, 11h30, 16h, 18h e 19h30-

Leia mais

OS MANDAMENTOS DE CRISTO

OS MANDAMENTOS DE CRISTO OS MANDAMENTOS DE CRISTO Equipando Discípulos para fazerem discípulos, ensinando-os a obedecer, todas as coisas que Jesus ordenou Uma adaptação de George Patterson 7 Comandos de Cristo (Readaptação de

Leia mais

Vigília de Oração VIGÍLIA VOCACIONAL. Cântico de Entrada. RITOS INICIAIS Sacerdote: Em nome do Pai e do Filho e do Espírito Santo Todos: Ámen

Vigília de Oração VIGÍLIA VOCACIONAL. Cântico de Entrada. RITOS INICIAIS Sacerdote: Em nome do Pai e do Filho e do Espírito Santo Todos: Ámen Vigília de Oração VIGÍLIA VOCACIONAL Cântico de Entrada RITOS INICIAIS Sacerdote: Em nome do Pai e do Filho e do Espírito Santo Todos: Ámen Sacerdote: A Graça de Deus nosso Pai, o Amor de Nosso Senhor

Leia mais

INTENÇÕES DA ORAÇÃO DOS FIÉIS PARA O ANO SACERDOTAL

INTENÇÕES DA ORAÇÃO DOS FIÉIS PARA O ANO SACERDOTAL INTENÇÕES DA ORAÇÃO DOS FIÉIS PARA O ANO SACERDOTAL INTRODUÇÃO A estrutura de cada uma das intenções que aqui se apresentam, está de acordo com as da Oração Universal para os domingos e solenidades. Sempre

Leia mais

Deus espera algo de nós

Deus espera algo de nós Deus espera algo de nós 2) Compartilhar o Evangelho deve se tornar um estilo de vida de todo cristão. Deus planejou que cada um de nós, vivendo seu dia-a-dia, fosse uma testemunha de Jesus. Mas o diabo,

Leia mais

A PALAVRA DE DEUS NAS CELEBRAÇÕES DA EUCARISTIA E DA PALAVRA

A PALAVRA DE DEUS NAS CELEBRAÇÕES DA EUCARISTIA E DA PALAVRA PLVR DE DEUS NS ELERÇÕES D EURISTI E D PLVR 1 Em sua opinião, como anda o sistema de som em sua omunidade? 21% 18% 61% O microfone e o som funcionam bem. (61%) O microfone e o som não funcionam bem. (18%)

Leia mais

Plano Anual Catequético (Infância)

Plano Anual Catequético (Infância) Ano: 1º I Jesus é o nosso grande Amigo; II Jesus revela-nos o Pai, dá a vida por nós e ressuscita; III Nós somos do grupo dos amigos de Jesus A Igreja. Aderir a Jesus Cristo e iniciar-se no conhecimento

Leia mais

PARÓQUIA SÃO JOSÉ RIBEIRÃO PIRES CALENDÁRIO PAROQUIAL DE PASTORAL

PARÓQUIA SÃO JOSÉ RIBEIRÃO PIRES CALENDÁRIO PAROQUIAL DE PASTORAL PARÓQUIA SÃO JOSÉ RIBEIRÃO PIRES CALENDÁRIO PAROQUIAL DE PASTORAL 2016 1 PARÓQUIA SÃO JOSÉ - MATRIZ DE RIBEIRÃO PIRES CALENDÁRIO PAROQUIAL DE PASTORAL ANO 2016 Ano Santo da Misericórdia Misericordiosos

Leia mais

Qual é o empregado fiel e prudente? É aquele que o Senhor colocou responsável pelos outros empregados, para dar comida a eles na hora certa.

Qual é o empregado fiel e prudente? É aquele que o Senhor colocou responsável pelos outros empregados, para dar comida a eles na hora certa. Qual é o empregado fiel e prudente? É aquele que o Senhor colocou responsável pelos outros empregados, para dar comida a eles na hora certa. Feliz o empregado cujo Senhor o encontrar fazendo assim quando

Leia mais

Uma saudação carinhosa

Uma saudação carinhosa Meus caros amiguitos e amiguitas! Uma saudação carinhosa Olá! Chamo-me António Marto. Sou o novo Bispo desta diocese de Leiria-Fátima. Sabem o que é ser Bispo? Eu explico-vos através de uma comparação

Leia mais

Que poderei retribuir ao Senhor, por tudo o que Ele me tem dado?"(salmo 116,2)

Que poderei retribuir ao Senhor, por tudo o que Ele me tem dado?(salmo 116,2) Que poderei retribuir ao Senhor, por tudo o que Ele me tem dado?"(salmo 116,2) Caros amigos e irmãos na fé, paz e bem! Escrevo estas singelas palavras para mostrar-vos o quanto Deus é bom para conosco.

Leia mais

A Trindade Santa - V Qua, 06 de Maio de 2009 10:52 - Henrique Soares da Costa

A Trindade Santa - V Qua, 06 de Maio de 2009 10:52 - Henrique Soares da Costa Pe. Henrique Soares da Costa A Igreja vive enraizada na Trindade Nesta série muitas vezes foi dito que a Santíssima Trindade é o mistério central da nossa fé cristã; mistério que foi revelado e experimentado

Leia mais

11ª JORNADA CATEQUÉTICA DIOCESANA

11ª JORNADA CATEQUÉTICA DIOCESANA 11ª JORNADA CATEQUÉTICA DIOCESANA DATA: 20 de outubro de 2013 LOCAL: Paróquia São José Constantina RS TEMA: O dom da fé LEMA: Crescer na Maturidade da Fé em Cristo (cf. Ef 4,13) OBJETIVOS: 1. Celebrar

Leia mais

CULTO EUCARÍSTICO-FACULDADES EST-07/11/2012. Liturgia de Entrada

CULTO EUCARÍSTICO-FACULDADES EST-07/11/2012. Liturgia de Entrada CULTO EUCARÍSTICO-FACULDADES EST-07/11/2012 Prelúdio Liturgia de Entrada Hino: A cada manhã (grupo musical PPLM) Acolhida L.: Bom dia a todos e a todas, sejam bem vindos e bem vindas. Hoje o nosso culto

Leia mais

EVANGELHO DO DIA E HOMILIA (LECTIO DIVINA) REFLEXÕES E ILUSTRAÇÕES DE PE. LUCAS DE PAULA ALMEIDA, CM

EVANGELHO DO DIA E HOMILIA (LECTIO DIVINA) REFLEXÕES E ILUSTRAÇÕES DE PE. LUCAS DE PAULA ALMEIDA, CM EVANGELHO DO DIA E HOMILIA (LECTIO DIVINA) REFLEXÕES E ILUSTRAÇÕES DE PE. LUCAS DE PAULA ALMEIDA, CM SÁBADO DA 4ª SEMANA DA PÁSCOA - 1) Oração Deus eterno e todo-poderoso, fazei-nos viver sempre mais o

Leia mais

CAMINHO DA VIDA. Rito do Casamento. Breviário do LOC, págs. 221-227. Uma igreja comprometida com a Palavra de Deus. Anglican Church of the Americas

CAMINHO DA VIDA. Rito do Casamento. Breviário do LOC, págs. 221-227. Uma igreja comprometida com a Palavra de Deus. Anglican Church of the Americas CAMINHO DA VIDA Anglican Church of the Americas Uma igreja comprometida com a Palavra de Deus Rito do Casamento Breviário do LOC, págs. 221-227 Casamento Nesta Igreja, o casamento é celebrado exclusivamente

Leia mais

Coleção Chamados à Vida Chamados À Vida, Chamados À Vida Em Jesus Cristo,

Coleção Chamados à Vida Chamados À Vida, Chamados À Vida Em Jesus Cristo, Coleção Chamados à Vida Em preparação à Eucaristia 1ª Etapa: Chamados à vida 2ª Etapa: Chamados à vida em Jesus Cristo 3ª Etapa: Chamados à vida em Comunidade. 4ª Etapa: Chamados à vida para amar e servir.

Leia mais

Paróquia de Forjães 29 de Maio de 2005 Domingo IX do Tempo Comum

Paróquia de Forjães 29 de Maio de 2005 Domingo IX do Tempo Comum ADOLESCENTES DA FESTA DA VIDA 8º ANO Alexandra Bernardino Carvalho Amanda Regina Faria Carvalho André Filipe Castelo Almeida da Costa Carla Rafaela Sampaio Miranda Carlos Filipe Sampaio Ribeiro Alves Cathy

Leia mais

ORDENANÇAS DA IGREJA Temas Principais

ORDENANÇAS DA IGREJA Temas Principais ORDENANÇAS DA IGREJA Temas Principais A Ceia como Ordenança Mt 26.26-29; 1Co 11.23-25; Êx 24.9-11; Dt 14.23, 26; Hb 10.1-4; Mt 26.29; Ap 19.9 A ceia do Senhor aponta para uma refeição de comunhão mais

Leia mais

O VERDADEIRO DISCÍPULO DE JESUS VIVE A CORREÇÃO FRATERNA

O VERDADEIRO DISCÍPULO DE JESUS VIVE A CORREÇÃO FRATERNA Ano A - XXIV - Nº 1470-23º Domingo do Tempo Comum - cor verde - 07/09/2014 O VERDADEIRO DISCÍPULO DE JESUS VIVE A CORREÇÃO FRATERNA Preparar um lugar na entrada da igreja para o Lecionário, enfeitando-o

Leia mais

EVANGELHO DO DIA E HOMILIA (LECTIO DIVINA) REFLEXÕES DE FREI CARLOS MESTERS,, O. CARM REFLEXÕES E ILUSTRAÇÕES DE PE. LUCAS DE PAULA ALMEIDA, CM

EVANGELHO DO DIA E HOMILIA (LECTIO DIVINA) REFLEXÕES DE FREI CARLOS MESTERS,, O. CARM REFLEXÕES E ILUSTRAÇÕES DE PE. LUCAS DE PAULA ALMEIDA, CM EVANGELHO DO DIA E HOMILIA (LECTIO DIVINA) REFLEXÕES DE FREI CARLOS MESTERS,, O. CARM REFLEXÕES E ILUSTRAÇÕES DE PE. LUCAS DE PAULA ALMEIDA, CM 1) Oração Terça-feira da 7ª Semana da Páscoa Ó Deus de poder

Leia mais

RITO DE ABERTURA PORTA DA MISERICÓRDIA

RITO DE ABERTURA PORTA DA MISERICÓRDIA RITO DE ABERTURA PORTA DA MISERICÓRDIA RITOS INICIAIS Presidente: Em nome do Pai, do Filho e do Espírito Santo. Todos: Amém! Pr.: A misericórdia do Pai, a paz de Jesus Cristo, nosso Senhor, e a comunhão

Leia mais

Renúncia e seguimento a Jesus Cristo

Renúncia e seguimento a Jesus Cristo 22º DOMINGO DO TEMPO COMUM 31 de agosto de 2014 Renúncia e seguimento a Jesus Cristo Leituras: Livro do Profeta Jeremias 20, 7-9; Salmo 62 (63), 2.3-4.5-6.8-9 (R/. 2b); Carta de São Paulo aos Romanos 12,

Leia mais

NOITE DE FÉ ORIENTADA PELOS CATEQUISTAS 14 de fevereiro de 2013

NOITE DE FÉ ORIENTADA PELOS CATEQUISTAS 14 de fevereiro de 2013 NOITE DE FÉ ORIENTADA PELOS CATEQUISTAS 14 de fevereiro de 2013 PARA CRESCER NO ENTUSIASMO E NO ARDOR MISSIONÁRIO 1 CONVITE À ORAÇÃO Presidente No Ano da Fé, estamos reunidos em nome do Senhor Jesus. Ele

Leia mais

CELEBRAÇÃO DA FESTA DA PALAVRA

CELEBRAÇÃO DA FESTA DA PALAVRA CELEBRAÇÃO DA PALAVRA PARÓQUIA DE SÃO VICTOR Acolhimento (O acolhimento será feito à medida que as crianças vão chegando. Começaremos por ensaiar os cânticos a cantar durante a celebração.) CELEBRAÇÃO

Leia mais

1. De novo reunidos ( / / ) 1. De novo reunidos ( / / ) Jesus está no meio de Nós! Jesus está no meio de Nós!

1. De novo reunidos ( / / ) 1. De novo reunidos ( / / ) Jesus está no meio de Nós! Jesus está no meio de Nós! 1. De novo reunidos ( / / ) Jesus está no meio de Nós! Onde dois ou três estiverem reunidos em Meu nome, Eu estou no meio deles! Mt 18,20 -O Senhor esteja convosco! - Ele está no meio de Nós! Desenha o

Leia mais

ASCENSÃO DO SENHOR. «Elevou-Se à vista deles»

ASCENSÃO DO SENHOR. «Elevou-Se à vista deles» ASCENSÃO DO SENHOR LEITURA I Actos 1, 1-11 «Elevou-Se à vista deles» Leitura dos Actos dos Apóstolos No meu primeiro livro, ó Teófilo, narrei todas as coisas que Jesus começou a fazer e a ensinar, desde

Leia mais

ORIENTAÇÕES BÁSICAS PARA A CATEQUESE Prelazia de Itaituba

ORIENTAÇÕES BÁSICAS PARA A CATEQUESE Prelazia de Itaituba ORIENTAÇÕES BÁSICAS PARA A CATEQUESE Prelazia de Itaituba APRESENTAÇÃO A catequese sempre foi uma prioridade na Prelazia de Itaituba. Para sua realização, sempre contou e conta com a disponibilidade de

Leia mais

Comemorações dos 300 anos da Irmandade de Nossa Senhora do Rosário dos Pretos movimenta Ouro Preto em outubro

Comemorações dos 300 anos da Irmandade de Nossa Senhora do Rosário dos Pretos movimenta Ouro Preto em outubro Comemorações dos 300 anos da Irmandade de Nossa Senhora do Rosário dos Pretos movimenta Ouro Preto em outubro 05 de Outubro de 2015, 11:39 Atualizado em 05 de Outubro de 2015, 17:09 A Irmandade de Nossa

Leia mais

DA FONTE BATISMAL (deve estar cheia de água).

DA FONTE BATISMAL (deve estar cheia de água). Celebração Eucarística Bênção da Capela (Cf. Ritual de Bênçãos) Entrada na igreja Enquanto se canta a antífona da entrada, o Bispo com os presbíteros concelebrantes, os diáconos e outros ministros, todos

Leia mais

Ritos Iniciais: 1- ACOLHIDA:

Ritos Iniciais: 1- ACOLHIDA: Ritos Iniciais: 1- ACOLHIDA: Faz muito tempo, mas parece que foi ontem. Cada criança que nasce é uma mensagem de que Deus acredita nos homens. Deus acreditou em nós e nos deu a alegria e a responsabilidade

Leia mais

DOM BOSCO E SUA FÉ: ESCOLA DE SANTIDADE

DOM BOSCO E SUA FÉ: ESCOLA DE SANTIDADE DOM BOSCO E SUA FÉ: ESCOLA DE SANTIDADE ANIMADOR 1: A escola de Santidade de Dom Bosco foi alimentar os seus sonhos no cotidiano, acreditando no que Deus lhe confiava. A vocação e todo o sentido da vida

Leia mais

FORMAÇÃO LITÚRGICA: LITURGIA: O QUE É?

FORMAÇÃO LITÚRGICA: LITURGIA: O QUE É? Escola de Maria: Escola da Fé FORMAÇÃO LITÚRGICA: LITURGIA: O QUE É? Formação Litúrgica: Liturgia: conceito O que é Liturgia? Termo de origem grega. ERGON (OBRA, AÇÃO, EMPREENDIMEN TO) (PÚBLICO) LEITON

Leia mais

ENCONTROS DE FORMAÇÃO LITURGIA E CATEQUESE

ENCONTROS DE FORMAÇÃO LITURGIA E CATEQUESE ENCONTROS DE FORMAÇÃO LITURGIA E CATEQUESE A Catequese e a Liturgia são formas essenciais da vida da Igreja. Ambas se encontram no centro da vida cristã, que é o mistério Pascal de Jesus Cristo; a experiência

Leia mais

31DiasVocacionais www.umbrasil.org.br

31DiasVocacionais www.umbrasil.org.br 31 Dias Vocacionais 31 Dias Vocacionais Este livro, ou parte dele, pode ser reproduzido por qualquer meio sem autorização escrita do Editor, desde que mantida a referência e respeitados os direitos de

Leia mais

01. O Senhor É Santo 02. Hosana no Alto dos Céus Hosana, hosana/ hosana, hosana/ hosana no alto dos céus. (2x) 03. Santo é o Senhor Deus do Universo

01. O Senhor É Santo 02. Hosana no Alto dos Céus Hosana, hosana/ hosana, hosana/ hosana no alto dos céus. (2x) 03. Santo é o Senhor Deus do Universo 01. O Senhor É Santo O Senhor é Santo, o Senhor é Santo, o Senhor é Santo/ O Senhor é nosso Deus, o Senhor é nosso Pai/ Que Seu reino de Amor se estenda sobre a Terra. O Senhor é Santo,o Senhor é Santo,

Leia mais

PRIMEIRA URGÊNCIA Uma Igreja em estado permanente de missão

PRIMEIRA URGÊNCIA Uma Igreja em estado permanente de missão PRIMEIRA URGÊNCIA Uma Igreja em estado permanente de missão Na linha da primeira urgência das DGAE, uma Igreja em estado permanente de missão, destacam-se as seguintes ações concretas: - Formação e missão;

Leia mais

Monições para a Celebração do Domingo de Páscoa C 2010

Monições para a Celebração do Domingo de Páscoa C 2010 Monições para a Celebração do Domingo de Páscoa C 2010 Entrada: O Senhor ressuscitou verdadeiramente! Não é uma ilusão da saudade! É a ressurreição do Senhor! O Senhor ressuscitou verdadeiramente! Não

Leia mais

LITURGIA FAMILIAR PRIMEIRO DOMINGO DE ADVENTO. 29 de novembro

LITURGIA FAMILIAR PRIMEIRO DOMINGO DE ADVENTO. 29 de novembro LITURGIA FAMILIAR PRIMEIRO DOMINGO DE ADVENTO 29 de novembro Vivendo o tempo do ADVENTO É urgente atualizar hoje o Advento de Cristo. Estar vigilante é entender os sinais dos tempos. A perspetiva de uma

Leia mais

PROJETO ALICERCE DIOCESANO INICIAÇÃO À VIDA CRISTÃ PROCESSO CATEQUÉTICO ACOLHIMENTO CATEQUESE BATISMAL / CATEQUESE EUCARÍSTICA / CATEQUESE CRISMAL

PROJETO ALICERCE DIOCESANO INICIAÇÃO À VIDA CRISTÃ PROCESSO CATEQUÉTICO ACOLHIMENTO CATEQUESE BATISMAL / CATEQUESE EUCARÍSTICA / CATEQUESE CRISMAL PROJETO ALICERCE DIOCESANO INICIAÇÃO À VIDA CRISTÃ PROCESSO CATEQUÉTICO ACOLHIMENTO CATEQUESE BATISMAL / CATEQUESE EUCARÍSTICA / CATEQUESE CRISMAL Módulo Único Catequizandos que irão iniciar a Catequese

Leia mais

Deus une-vos. Rito do Matrimónio

Deus une-vos. Rito do Matrimónio Deus une-vos Rito do Matrimónio 59. Estando todos de pé, inclusive os noivos, com as testemunhas junto de si, o sacerdote dirige-se aos noivos dizendo estas palavras ou outras semelhantes: Noivos caríssimos,

Leia mais

CATEDRAL DIOCESANA DE CAMPINA GRANDE PARÓQUIA NOSSA SENHORA DA CONCEIÇÃO

CATEDRAL DIOCESANA DE CAMPINA GRANDE PARÓQUIA NOSSA SENHORA DA CONCEIÇÃO CATEDRAL DIOCESANA DE CAMPINA GRANDE PARÓQUIA NOSSA SENHORA DA CONCEIÇÃO PÁSCOA DO SENHOR, NOVA CRIAÇÃO E NOVO ÊXODO DOMINGO DA RESSURREIÇÃO 08 DE ABRIL DE 2012 ANIM: (Saudações espontâneas) O TÚMULO ESTÁ

Leia mais

Avalia os teus conhecimentos do 6º Ano de catequese

Avalia os teus conhecimentos do 6º Ano de catequese Nome: Avalia os teus conhecimentos do 6º Ano de catequese Bloco 1 Jesus, o Filho de Deus que vai ao nosso encontro 1 Completa as seguintes afirmações: a) Aquele que veio trazer ao mundo a salvação de Deus.

Leia mais

PALAVRA DE DEUS CATEQUESE

PALAVRA DE DEUS CATEQUESE PALAVRA DE DEUS NA CATEQUESE Para muitos, também entre os cristãos, a Palavra de Deus é, hoje, apenas mais uma «palavra» e, não raro, nem sequer tão pertinente como outras que disputam a atenção, o compromisso

Leia mais

EVANGELHO DO DIA E HOMILIA

EVANGELHO DO DIA E HOMILIA EVANGELHO DO DIA E HOMILIA (LECTIO DIVINA) REFLEXÕES DE FREI CARLOS MESTERS,, O. CARM REFLEXÕES E ILUSTRAÇÕES DE PE. LUCAS DE PAULA ALMEIDA, CM 1) Oração Quinta-feira da 1ª Semana da Quaresma Dai-nos,

Leia mais

4 O Encontro: A Eucaristia Dominical: expressão maior de espiritualidade

4 O Encontro: A Eucaristia Dominical: expressão maior de espiritualidade Hora da Família 2014 Sumário 05 07 08 10 11 APRESENTAÇÃO INTRODUÇÃO PARAMOTIVAR ORAÇÃOINICIAL ORAÇÃOFINAL Encontros 13 18 23 28 33 38 42 4 1 O Encontro: A espiritualidade cristã na família 2 O Encontro:

Leia mais

Milhares de fieis celebram o Dia de Nossa Senhora da Conceição Imaculada - 8 de dezembro

Milhares de fieis celebram o Dia de Nossa Senhora da Conceição Imaculada - 8 de dezembro Milhares de fieis celebram o Dia de Nossa Senhora da Conceição Imaculada - Mais de 50 mil fiéis são esperados para celebrar o Dia de Nossa Senhora da Conceição Imaculada,, nas paróquias da Arquidiocese

Leia mais

Memoranda Celebração do Baptismo

Memoranda Celebração do Baptismo Esta memoranda apresenta o esquema praticado na nossa paróquia, que tem como base a celebração do Baptismo de várias crianças. O rito do Baptismo, pode ou não, ser inserido na Eucaristia. Neste esquema,

Leia mais

Revista da Escola Bíblica de Crianças Deus é tudo pra mim. Apresentação. A Deus toda a glória.

Revista da Escola Bíblica de Crianças Deus é tudo pra mim. Apresentação. A Deus toda a glória. Apresentação A Deus toda a glória. É com muita satisfação que apresentamos a todas professoras e professores da Escola Bílica Infantil, esta maravilhosa revista. Com o intuíto de provermos nossas crianças

Leia mais

Novena milagrosa a. São Bento. Festa: 11 de julho. editora

Novena milagrosa a. São Bento. Festa: 11 de julho. editora Novena milagrosa a São Bento Festa: 11 de julho editora Ave-maria Quem é São Bento? São Bento nasceu por volta de 470 em Núrsia (Itália), de uma família rica, que pôde enviá-lo para a capital a fim de

Leia mais

Vigília de oração 2016 A Igreja, mãe de vocações. A Igreja, Introdução. mãe das vocações. 1. Coordenador da vigília

Vigília de oração 2016 A Igreja, mãe de vocações. A Igreja, Introdução. mãe das vocações. 1. Coordenador da vigília Vigília de oração 2016 mãe de Introdução 53ª Semana de Oração pelas Vocações 10 a 17 abril 2016 1. Coordenador da vigília Estamos a celebrar a 53ª semana de oração pelas. Teremos como fio condutor da nossa

Leia mais

MISSA DE SANTO ANTÔNIO DE SANT ANA GALVÃO No Calendário Litúrgico da Igreja Católica, celebrado no dia 25 de Outubro

MISSA DE SANTO ANTÔNIO DE SANT ANA GALVÃO No Calendário Litúrgico da Igreja Católica, celebrado no dia 25 de Outubro MISSA DE SANTO ANTÔNIO DE SANT ANA GALVÃO No Calendário Litúrgico da Igreja Católica, celebrado no dia 25 de Outubro 1 COMENTÁRIO INICIAL Santo Antônio de Sant Ana Galvão, franciscano da Província da Província

Leia mais

Ser discípulo de Jesus, A quem deverei enviar? Aqui estou Senhor, Envia-me

Ser discípulo de Jesus, A quem deverei enviar? Aqui estou Senhor, Envia-me Reunião de Liturgia No dia primeiro de Março de dois mil e catorze, com inicio às oito horas no Centro Social Monsenhor Augusto Zucco, aconteceu a primeira Reunião deste ano sobre Liturgia, coordenada

Leia mais

"Não pôde fazer ali nenhum milagre, senão curar uns poucos enfermos, impondo-lhes as mãos." (Marcos 6:5)

Não pôde fazer ali nenhum milagre, senão curar uns poucos enfermos, impondo-lhes as mãos. (Marcos 6:5) 1 "Não pôde fazer ali nenhum milagre, senão curar uns poucos enfermos, impondo-lhes as mãos." (Marcos 6:5) Introdução: Sabemos que a vontade de Deus como nosso Pai é nos abençoar. De fato a palavra diz

Leia mais

CRUZEIRINHO DO MESTRE IRINEU

CRUZEIRINHO DO MESTRE IRINEU CRUZEIRINHO DO MESTRE IRINEU 1 2 1. Dou Viva a Deus Nas Alturas waltz Dou viva a Deus nas alturas E a Virgem Mãe nosso amor Viva todo Ser Divino E Jesus Cristo Redentor Eu peço a Deus nas alturas Para

Leia mais

Celebração do Mês de Maria

Celebração do Mês de Maria Celebração do Mês de Maria Segunda-feira, 6 de Maio de 2013 Entidades do Poder Local (Câmara e Junta de Freguesia) Ritos Iniciais Pres. Em nome do Pai e do Filho e do Espírito Santo Pres. A graça de nosso

Leia mais

Postura do Obreiro nos Cultos

Postura do Obreiro nos Cultos Postura do Obreiro nos Cultos Nossos cultos e reuniões são importantes e solenes, exigindo de nós a mesma postura tanto em um culto de domingo a noite cheio de visitantes quanto em uma madrugada só com

Leia mais

Planejamento Pastoral Litúrgica 2016

Planejamento Pastoral Litúrgica 2016 Planejamento Pastoral Litúrgica 2016 EQUIPE PASTORAL LITÚRGICA: Geral: Terezinha do Carmelo Roteiros: Terezinha ( 3o domingo), Eunice ( 1o domingo), Lurdinha ( 2o e 4o domingo) e Mara ( 5o domingo). Celebração

Leia mais

O Dom da Cura no Grupo de Oração Qua, 18 de Janeiro de 2012 20:13

O Dom da Cura no Grupo de Oração Qua, 18 de Janeiro de 2012 20:13 Um Grupo de Oração que se reúne semanalmente para encontrar com Deus, lhe prestar culto de louvor e ação de graças, certamente será visitado pelo Senhor da vida. As curas que ocorrem durante as reuniões

Leia mais

Bem-Aventurada Virgem Maria do Monte Carmelo

Bem-Aventurada Virgem Maria do Monte Carmelo Carmelo de S. José, Fátima Solenidade Bem-Aventurada Virgem Maria do Monte Carmelo 16 Julho 2008 FOTOGRAFIAS e HOMILIA Celebração Eucararística presidida por P. Vitor Hidavic, ocd e concelebrada por Diácono

Leia mais

Circular Mensal Setembro

Circular Mensal Setembro Circular Mensal Setembro Sã o Pãulo, 01 de setembro de 2016 Prezados pais e mães, Setembro normalmente é um mês repleto de atividades desafiadoras para os alunos e as famílias e, por isso, consideramos

Leia mais

Guião de Apoio ao estudo da Ficha da Catequese Lições 1 à 14

Guião de Apoio ao estudo da Ficha da Catequese Lições 1 à 14 Guião de Apoio ao estudo da Ficha da Catequese Lições 1 à 14 Como sabem nas próximas catequeses (9 e 16 de Fevereiro) vamos ter duas fichas de revisão sobre as catequeses anteriores. Para tal, este guião

Leia mais

L Í D ERES de aliança

L Í D ERES de aliança w w w. l i d e r e s d e a l i a n c a. p r o. b r L Í D ERES de aliança 2 ª e d i ç ã o CAPÍTULOS AVULSOS PARA DOWNLOAD V O C A B U L Á R I O das células de aliança Sandro José Hayakawa Cunha Brasília

Leia mais