Estudo Continuado. Título:

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Estudo Continuado. Título:"

Transcrição

1 Estudo Continuado Título: As Guias, Cabala e Pentagrama. Associação Afro-Cultural Pai João de Angola Os colares usados na Umbanda são pólos de irradiação, pára-raios, defesa, patuás, terços ou qualquer nome que queira dar, conforme crença, região ou língua. Na Umbanda utilizamos as guias (colares), as pulseiras, braçadeiras (contra-eguns), patuás e outros elementos obedecendo aos seguintes preceitos: Usam-se somente produtos naturais como: sementes, pedras, conchas, pedras preciosas e semipreciosas (mesmo que lapidadas), cristais e outros. Jamais se usa plástico ou outro produto artificial. Usa-se metal apenas quando o Guia Espiritual ou Orixá pede. Usam-se peles, partes de animais (dentes, guizos, unhas, etc) sempre em harmonia com a entidade a quem se oferta à guia. Dá-se preferencia a cordão de algodão (barbante cru) encerados (Fio de nylon somente em último caso) As contas, sementes e outras peças devem formar múltiplos de 3, 7 ou 9. Todo material pronto (Guia já fechada) deve ser cruzado pelo chefe do Terreiro (Mãe/Pai de santo) ou pelos Guias Espirituais. Para montar uma guia, deve-se montar tranquilo, sem agitação externa. Dependendo da doutrina de cada casa deve ser feita uma firmeza no conga (ascendendo uma vela por exemplo) antes de montar a guia. Lembre-se que cada peça da guia (conta, concha, semente.. etc) vai ter uma oração dirigida a ela. Essas orações dadas pelos guias são para proteção, defesa, e aumentar a vibração do médium que a usa. A guia é uma peça benta com força e irradiação para nos proteger e aumentar nossa força, nossa vibração. Uma questão delicada, muito difundida por aí,estão as guias de porcelana e de vidro, quando não de plástico, materiais de natureza isolante, que não retém nada energético, sendo pois apenas úteis no mesmo princípio de elevação mental das imagens, ou seja, predispõem o psiquismo dos médiuns a um efeito psicológico-positivo, efeito este que se estende ao consulente devido às várias cores que essas guias chamadas de sugestivas possam ter. Este cromatismo induz os pensamentos a vibrarem em sintonia com cada cor, cada uma delas tendo uma função particular de acordo com seu matiz: AS BRANCAS, como já foi dito a respeito da roupa, lembra e induz o pensamento as coisas puras, como a criação e o silêncio além de serem de caráter refletor. AS VERMELHAS são úteis para repulsar cargas negativas, além de quebrarem correntes negativas, significam sangue, guerra, fogo, sexo, geração e movimento. AS MARRONS, podem ser atribuídas os mesmos significados. AS AMARELAS, ótimas para quebrar mau-olhado e energias perigosas oriundas de sentimentos pesados como a inveja, cobiça, invoca a riqueza, a inteligência, a fecundidade e a fertilidade. 1

2 AS VERDES, limpam a mente de pensamentos maldosos e atuam muito bem atraindo fluídos mentais de cura, simboliza a vegetação, a natureza, o mistério das florestas, o poder das folhas e a transformação da matéria. AS AZUIS acalmam e ativam estados mentais relativos às coisas superiores dando suavidade e destreza. AS AZUIS ESCURAS, representam agressividade e está associada à terra e ao ferro. AS ROSAS elevam o pensamento às coisas puras no sentido do amor fraterno. AS PRETAS representam a cultura, o conhecimento, a terra e os mortos. Existe uma confusão por aí, mas relacionada a uma certa aproximação com o Candomblé, que dedica a cor da guia a determinado Orixá. A coisa não é bem assim; na UMBANDA, as guias tem função independente e as cores dos colares são relativas apenas ao cromatismo, uma vez que existe uma cor ritual para os Orixás e uma cor energética, a qual é a real cor vibratória do Orixá. Essas cores rituais variam de um lugar para outro e estão confusas devido à aproximação com o Candomblé, que utiliza nos colares a cor a eles dedicados. Na Umbanda, as cores energéticas dos Orixás, de sua verdadeira vibração, são as seguintes: Orixá Cor Manifestação Vibração Essência/Linha OXALÁ: Branco Templo Mente Cristalina / Fé; OXUM : Amarelo Cachoeiras Coração Mineral / Amor; OXOSSI: Verde Matas Nervos Vegetal/Conhecimento; XANGÔ: Marrom Montanhas Músculos Ígnea / Justiça ; OGUM : Vermelho Caminhos Sangue Aérea / Lei ; OBALUAIYÊ: Violeta Campos Ossos Telúrica / Evolução ; YEMANJÁ: Azul Águas Fluídos Aquática /Geração. Existem também as guias NATURAIS, que são feitas com elementos minerais, vegetais ou animais e que tem rela valor energético de absorção ou repulsão de forças magnéticas, e que realmente constituem escudo eficaz para os médiuns. Estas guias podem ser feitas de: ELEMENTOS MINERAIS: Pedras de cristal; de rocha; ametista, etc. ELEMENTOS ANIMAIS: Conchas, do rio ou do mar; cavalo-marinho; búzios. ELEMENTOS VEGETAIS: Favas; lágrimas de N Senhora;capacete de Ogum. Caules: arruda, guiné, jasmim; várias sementes; vários frutos. Deve ficar bem claro que não adianta nada se ter uma guia no pescoço sem que ela esteja devidamente imantada, pois do contrário de nada irá funcionar, será apenas um enfeite. Quando bem imantada, é um poderoso escudo e seu uso nos trabalhos torna-se indispensável. Nenhum Médium mesmo que trazendo suas guias pessoais de outras casas, poderá usá-las sem a autorização de Pai João de Angola. Tais guias ou instrumentos de uso particular de cada entidade, deverá ser apresentado a P. J. A. em avaliação(*). (*) Ocasião em que P. J. A. solicita a presença dos iniciados para confirmação de suas atividades na casa, assim como conhecer seus Orixás. 2

3 CABALA ou kabalah : é o estudo de toda filosofia mística e esotérica que não tenha limitações em suas buscas, nem seja impregnada de dogmas e medos, e nos oferece uma ampla perspectiva tendo em vista que abrange os mais variados aspectos da vida. A Cabala de Tradição foi resgatada em suas origens para oferecer o conhecimento das várias formas de visões dos elementos da natureza, atos físicos e espirituais que tenham por objetivo promover uma mudança na vida do indivíduo, para as pessoas de mente ampla, que buscam novos horizontes, sem medos, preconceitos ou idéias fixas, estudando os seguintes tipos: Cabala Pessoal - Através da Angelologia. Cabala de Canalização - Mediunidade: Cabala de Tradição - Conceito sobre a Criação. Cabala de Magias - Magia Branca e Negra, Identificação com os caminhos. PONTO DE FOGO NO RITO CABALÍSTICO O Pentagrama (Estrela de cinco Pontas) representa o corpo humano, cuja ponta superior forma a cabeça; se esta aparece para baixo, torna-se o signo da loucura, do desequilíbrio, da desarmonia. O Ponto cabalístico do Pentagrama (Estrela de cinco Pontas) serve para diversos ritos de modalidade de trabalhos mágicos, porém aqui mostraremos apenas como o iniciado opera dentro do ritual, mais conhecido na gira como Ponto de Fogo, "Descarrego", e as razões de certos fenômenos observados. Para descarregar um demanda, portador de má influência (Negativa); coloca-se no centro do círculo, usa-se fundanga (Pólvora), apenas o necessário para cobrir os riscos cabalísticos da estrela, rodeando o círculo, por fim o Iniciado transmite ou recebe as essências; fazendo a aplicação do pensamento e a vontade, para o fim desejado, dinamizando na evolução rápida das forças viventes na natureza. Porém esse trabalho mágico, só opera milagre, pelo operador que for consagrado pelas Entidades (Orixás), para esse fim. É bom lembrar que os Sacerdotes Umbandistas conhecem Magia, na realidade como ciência cabalística e natural, contudo sejam conhecimentos das Leis Divinas e Universais, naturais. Pois os Guardiões, controlavam e comandavam essas forças cabalísticas da natureza, por meio de palavras, que produziam, sentidos mágicos, fenômenos pelo processo do "Som" dentro das suas liturgias. 3

4 Em nossos dias seguimos essa tradição litúrgica, e obtemos grandes conhecimentos dentro do ritual oculto da Iniciação. Fizemos as nossas pesquisas por um processo científico, intelectual e místico baseado na observação da matemática cabalística, pois os resultados são para os ensinamentos dentro de um método explicativo e demonstrativo, para os fins de aperfeiçoamento de nossos iniciados ou adeptos dos Cultos Umbandistas. Entretanto tentemos se for possível, mostrar os sentidos dos caracteres cabalísticos no atual de nossos conhecimentos. Eles são alfabetos enigmáticos que imantam forças cabalísticas e magnéticas dentro da natureza, provocando nas essências uma reação, produzindo força, Boa ou Má, isto é "Positiva e/ou Negativa". Estes caracteres quando feitos com pemba, de acordo com as cores empregadas, servem de condutores de corrente magnética para conduzir as moléculas até o seu ponto de impacto. Nosso Ancestrais usavam um processo oculto idêntico à pemba, em seus caracteres cabalísticos. Eram feitos em folhas de papiro. Contudo para fazer-se o bem dentro de nossa mironga (Gira), temos que conhecer a força do mal. Ambas as forças, bem coordenadas dentro dos princípios das leis naturais e espirituais; conseguimos atingir o objetivo do bem ou aquele que desejamos. Nossos ancestrais, povo de outra geração: seus sábios Sacerdotes conheciam a lei da gravidade, esses antigos tinham uma fórmula dessa ciência cabalística, que sabiam produzir o vácuo por meio do som de suas palavras mágicas, para levantar grandes pesos. Entretanto, enquanto não for descoberto por esta geração ou por outra, essa fórmula de poder mental que harmoniza e imanta, força magnética existente na natureza, sempre será uma força desconhecida e oculta. Sobre a gravidade principalmente, pouco sabemos, exceto que o que vai para cima há de cair mais cedo ou mais tarde. O sábio cientista Newton, expôs esse assunto mais explicitamente mas não desvendou o mistério da natureza, desta força magnética. Essa força é o que os ocultistas chamam o "Poder na Quarta ordem" (no plano físico), e nós conhecemos, como força cabalística e magnética da natureza. 4

5 A fórmula mágica desses sábios da antigüidade, é uma ciência perdida e de que faz troça a incipiente ciência física dos nossos dias. Pelo poder do som, é sustada a estrutura do Cosmo, e pelo poder do som esta pode dissolver-se mônada. Os Sacerdotes do Egito sabiam-no; e as palavras de poder, o Mahtheru, abriam aos iniciados os sucessivos portais das regiões da morte. Na antecâmara dos aposentos do Rei, a porta de granito, agora para sempre entalada nas estrias do revestimento de madeira, devido a terem cedido os alicerces, era originalmente baixada ou erguida pelo som de uma formula falada, e quando o candidato parava por baixo dela, e o Guardião pronunciava a palavra que fazia descer a pedra, só o conhecimento da palavra contrária o impediria de ser reduzido a pó, pois o som é uma força cujas possibilidades não são suspeitadas pelo profano. Essas são as razões das rítmicas danças, o som dos atabaques, enfim do próprio ponto de fogo. No Ponto de fogo, ainda empregam as cabalas de cores e oral ( o som das palavras mágicas), de acordo com a finalidade dos trabalhos que pretende fazer; então o Sacerdote idôneo emprega as cores correspondentes a cada Espírito da Natureza (Entidade- Orixá). Usa-se como pólo Positivo, a Luz do Fogo, ativo: Neste Ponto de fogo, porém, primeiramente vamos conhecer o valor dos filhos desta raça. Os filhos do Fogo são inesgotáveis e eles renascem de suas próprias cinzas, sua forma de construir baseada na alquimia, de fundir as coisas, parecendo estar sempre destruindo e destruindo. Seu valor incalculável, para o progresso do planeta que habitamos de tal transcendência que poderia ser comparada com as encarnações no terreno espiritual. Para sermos mais claros: O homem se difere, espiritualmente, com o cosmos, através da reencarnação e se difere, através da raça, com relação ao nosso planeta. Neste Ponto de Fogo, usamos a luz do fogo: 5

6 Para Entidades (Orixás) usamos uma lamparina contendo azeite de mamona (vegetal) acesa ou vela de cera. Para os Kiumbas (Espíritos atrasados) usamos vela de sebo, tudo de acordo com as finalidades dos trabalhos, positivo ou negativo, isto é o bem ou o mal. A luz produzida pelo azeite de mamona neste Ponto de Fogo, simboliza os Espíritos da Natureza (Entidades) Orixás, dentro da Cadeia de Zâmbi Opongô. O Fogo simboliza o batismo cósmico da aura terrestre, feito pelo Eloin, Luz Bel, segundo a Kabala, da degeneração de seu nome resultou o de Lucifer, e o de Exu (Rei ou Maioral). Bibliografia: Tecnologia Ocultista da Umbanda Tancredo da Silva Pinto 6

A CROMOTERAPIA NA UMBANDA

A CROMOTERAPIA NA UMBANDA A CROMOTERAPIA NA UMBANDA I. INTRODUÇÃO A utilização da cor em qualquer religião, ou melhor, em qualquer processo mágico remonta aos tempos mais antigos. A luz é uma vibração energética, da mesma forma

Leia mais

Palestra: Cambono CENTRO ESPÍRITA DE UMBANDA CABOCLA JUREMA ARIANA VARELA & RICARDO BERTONI MARÇO DE 2014

Palestra: Cambono CENTRO ESPÍRITA DE UMBANDA CABOCLA JUREMA ARIANA VARELA & RICARDO BERTONI MARÇO DE 2014 Palestra: Cambono CENTRO ESPÍRITA DE UMBANDA CABOCLA JUREMA ARIANA VARELA & RICARDO BERTONI MARÇO DE 2014 Origem e definição A palavra Cambono é originada do termo Kamdondo, Kambono, Kambundu e nada mais

Leia mais

Sociedade Espiritualista Mata Virgem. Curso de Umbanda AS SETE LINHAS

Sociedade Espiritualista Mata Virgem. Curso de Umbanda AS SETE LINHAS Sociedade Espiritualista Mata Virgem Curso de Umbanda AS SETE LINHAS Para entender um pouco mais a Umbanda devemos conhecer as linhas ou vibrações. Uma linha ou vibração, eqüivale a um grande exército

Leia mais

Centro Espírita Cabana de Oxóssi. Regimento Interno

Centro Espírita Cabana de Oxóssi. Regimento Interno Regimento Interno 1 Objetivos: O presente regimento interno dispõe sobre os objetivos de Organizar e orientar a conduta dos freqüentadores e trabalhadores, do Centro Espírita Cabana de Oxóssi (CECO). Deve

Leia mais

15 a. Aula. Pontos riscados. Definição

15 a. Aula. Pontos riscados. Definição 1 o. Curso de Dirigentes da Fraternidade do Grande Coração Proposta: preparar umbandistas para a organização e direção espiritual de casa de umbanda, através de um conhecimento aprofundado da umbanda ancestral

Leia mais

Curso de Umbanda ANJO DA GUARDA

Curso de Umbanda ANJO DA GUARDA Curso de Umbanda ANJO DA GUARDA Você sabe a importância dos anjos da guarda na Umbanda? Bem, os anjos de guarda nos protegem e acompanham a cada dia. E esse acompanhamento também está nas horas de trabalho

Leia mais

NÚCLEO DE ESTUDOS ESPIRITUAIS MATA VERDE. Desenvolvimento mediúnico maio/2014 7ªaula

NÚCLEO DE ESTUDOS ESPIRITUAIS MATA VERDE. Desenvolvimento mediúnico maio/2014 7ªaula NÚCLEO DE ESTUDOS ESPIRITUAIS MATA VERDE Desenvolvimento mediúnico maio/2014 7ªaula VENDAS ATÉ DIA 14/05/2014 Doutrina dos Sete Reinos Sagrados A doutrina dos sete reinos, seguida pelo Núcleo Mata Verde,

Leia mais

OS LIMITES ESPIRITUAIS

OS LIMITES ESPIRITUAIS EGRÉGORA OS LIMITES ESPIRITUAIS É um campo de força criado no Plano Espiritual a partir da energia emitida por um grupo de pessoas através dos seus padrões mentais e emocionais. É gerado pelo somatório

Leia mais

A emissão é o canto de nossa

A emissão é o canto de nossa EMISSÃO A emissão é o canto de nossa procedência, nossa apresentação individualizada, um código hierárquico contendo tudo o que foi conseguido por nossos trabalhos e por nossas consagrações, para ser ouvido

Leia mais

A água poderá concentrar uma vibração positiva ou negativa, dependendo do seu emprego.

A água poderá concentrar uma vibração positiva ou negativa, dependendo do seu emprego. Sua utilidade é variada. Serve para os banhos de amacis, para cozinhar, para lavar as guias, para descarregar os maus fluídos, para o batismo. Dependendo de sua procedência (mares, rios, chuvas e poços),

Leia mais

Colégio Umbandista Luz Dourada

Colégio Umbandista Luz Dourada Conteúdo Programático do Curso Doutrina e Cultura Umbandista Esse curso é a base inicial a todos que buscam seus fundamentos e sua história. Apresentaremos nossa liturgia, nossos rituais e práticas religiosas

Leia mais

TEMPLO DE UMBANDA CABOCLO TUPINAMBÁ PAI DAMIÃO AS SETE LINHAS DA UMBANDA JULHO 2013. TUCATUPADA - Templo de Umbanda Caboclo Tupinambá e Pai Damião

TEMPLO DE UMBANDA CABOCLO TUPINAMBÁ PAI DAMIÃO AS SETE LINHAS DA UMBANDA JULHO 2013. TUCATUPADA - Templo de Umbanda Caboclo Tupinambá e Pai Damião 1 TEMPLO DE UMBANDA CABOCLO TUPINAMBÁ E PAI DAMIÃO AS SETE LINHAS DA UMBANDA JULHO 2013 2 AS SETE LINHAS DE UMBANDA Para entender um pouco mais a Umbanda devemos conhecer as linhas ou vibrações. Uma linha

Leia mais

Seminário: Terapia pelos Passes

Seminário: Terapia pelos Passes 1 Atividade Integrativa Para a tarefa do passe, no plano espiritual, não basta boa vontade. São necessárias qualidades de ordem superior e conhecimentos especializados. Padrão superior de elevação mental

Leia mais

Nos caminhos. Revelações inéditas

Nos caminhos. Revelações inéditas Nos caminhos da Umbanda Revelações inéditas CIP-BRASIL. CATALOGAÇÃO-NA-FONTE SINDICATO NACIONAL DOS EDITORES DE LIVROS, RJ S718n Souza, Ronaldo Figueira de Nos caminhos da umbanda : revelações inéditas

Leia mais

Núcleo de Estudos Espirituais Mata Verde Templo de Umbanda Maitía Azurza Gonçalves e Luiz Eduardo Gonçalves 2013

Núcleo de Estudos Espirituais Mata Verde Templo de Umbanda Maitía Azurza Gonçalves e Luiz Eduardo Gonçalves 2013 Núcleo de Estudos Espirituais Mata Verde Templo de Umbanda Maitía Azurza Gonçalves e Luiz Eduardo Gonçalves 2013 O termo cambono ou cambone tem origem angolana, Kambono e significa: - São as pessoas que

Leia mais

Manual do Abá Guassu. Escola Iniciática do Caboclo Mata Verde. Núcleo Mata Verde Página 2

Manual do Abá Guassu. Escola Iniciática do Caboclo Mata Verde. Núcleo Mata Verde Página 2 Abá Guassu Livro I Escola Iniciática do Caboclo Mata Verde Núcleo Mata Verde Página 2 Este manual pertence a : Data de entrada: Padrão Vibratório Natural: Do dia: Do mês: Do ano: Umbanda é coisa séria

Leia mais

Fraternidade Tabajara- Questionário para Médiuns da Palestra QUESTIONÁRIO

Fraternidade Tabajara- Questionário para Médiuns da Palestra QUESTIONÁRIO Fraternidade Tabajara- Questionário para Médiuns da Palestra QUESTIONÁRIO 1 - Qual o formato do Templo Tabajara? O que o Moxuara tem em relação a este formato? E qual o hino que fala a este respeito? R:

Leia mais

Curso de Umbanda BANHOS

Curso de Umbanda BANHOS Curso de Umbanda BANHOS Em qualquer época, nos Centros e Terreiros de Umbanda, os banhos tem sido de grande importância na fase de iniciação espiritual; por isso, torna-se necessário o conhecimento do

Leia mais

CIP-BRASIL. CATALOGAÇÃO NA PUBLICAÇÃO SINDICATO NACIONAL DOS EDITORES DE LIVROS, RJ. F159u

CIP-BRASIL. CATALOGAÇÃO NA PUBLICAÇÃO SINDICATO NACIONAL DOS EDITORES DE LIVROS, RJ. F159u CIP-BRASIL. CATALOGAÇÃO NA PUBLICAÇÃO SINDICATO NACIONAL DOS EDITORES DE LIVROS, RJ F159u Falasco, Alexandre Cesar Umbanda de barracão / Alexandre Cesar Falasco ; coordenação Diamantino Fernandes Trindade.

Leia mais

01- NA CACHOEIRA. Eu vi Mamãe Oxum na Cachoeira, Sentada na beira do rio! (bis)

01- NA CACHOEIRA. Eu vi Mamãe Oxum na Cachoeira, Sentada na beira do rio! (bis) 01- NA CACHOEIRA Eu vi Mamãe Oxum na Cachoeira, Sentada na beira do rio! (bis) Colhendo lírio, lírio ê... Colhendo lírio, lírio a... Colhendo lírios, P'ra enfeitar nosso congá. (bis) 02- BRADO DE MAMÃE

Leia mais

ABERTURA. Hino da Umbanda

ABERTURA. Hino da Umbanda ABERTURA Hino da Umbanda Refletiu a Luz Divina Com todo seu esplendor Vem do reino de Oxalá Onde há paz e amor Luz que refletiu na terra Luz que refletiu no mar Luz que veio de Aruanda Para tudo iluminar

Leia mais

OS MANDAMENTOS DE UM MÉDIUM UMBANDISTA Por Rubens Saraceni. Publicação no Jornal de Umbanda Sagrada Ed. 155 Abril/2013

OS MANDAMENTOS DE UM MÉDIUM UMBANDISTA Por Rubens Saraceni. Publicação no Jornal de Umbanda Sagrada Ed. 155 Abril/2013 OS MANDAMENTOS DE UM MÉDIUM UMBANDISTA Por Rubens Saraceni Publicação no Jornal de Umbanda Sagrada Ed. 155 Abril/2013 01 Amar a Olorum, aos Orixás e à Umbanda acima de todas as coisas e das outras religiões.

Leia mais

NÚCLEO DE ESTUDOS ESPIRITUAIS MATA VERDE. Desenvolvimento mediúnico maio/2014 6ªaula

NÚCLEO DE ESTUDOS ESPIRITUAIS MATA VERDE. Desenvolvimento mediúnico maio/2014 6ªaula NÚCLEO DE ESTUDOS ESPIRITUAIS MATA VERDE Desenvolvimento mediúnico maio/2014 6ªaula VENDAS ATÉ DIA 14/05/2014 Doutrina dos Sete Reinos Sagrados A doutrina dos sete reinos é seguida pelo Núcleo Mata Verde

Leia mais

NÚCLEO DE ESTUDOS ESPIRITUAIS MATA VERDE

NÚCLEO DE ESTUDOS ESPIRITUAIS MATA VERDE NÚCLEO DE ESTUDOS ESPIRITUAIS MATA VERDE Desenvolvimento mediúnico março/2014 ATENÇÃO Dia 19 de abril não teremos aula. Voltaremos dia 26 de Abril. Doutrina dos Sete Reinos Sagrados Conceituação de Orixá

Leia mais

USE SUAS PEDRAS E CRISTAIS

USE SUAS PEDRAS E CRISTAIS USE SUAS PEDRAS E CRISTAIS Cristais e pedras para o uso terapêutico Os Cristais ou pedras semi-preciosas, são importantes canais energéticos de cura, equilíbrio e benefício, nas áreas física, mental, emocional

Leia mais

B) Preparação do Médium nos dias de Reuniões

B) Preparação do Médium nos dias de Reuniões REGIMENTO INTERNO A) Em casa 1-Leitura do Evangelho e Meditação no mínimo de 15 minutos diariamente,principalmente nos dias de reuniões; 2- Leituras educativas sobre a Doutrina Espírita; 3-A prática da

Leia mais

Orientações Básicas para o Trabalho de Fiscalização da Mensageiros da Luz

Orientações Básicas para o Trabalho de Fiscalização da Mensageiros da Luz Orientações Básicas para o Trabalho de Fiscalização da Mensageiros da Luz Baseado no texto de Alex Polari para orientação da fiscalização do Reino do Sol adaptado pelo corpo de fardados da Mensageiros

Leia mais

Curso de cristais Para Patologia femininas

Curso de cristais Para Patologia femininas Curso de cristais Para Patologia femininas Mulher, é um ser divino que precisa encontrar com seu divino. Com Amor Auriel dos Anjos Tópicos abordados 1. Busca do equilíbrio com cristais. 2. Corpos mental,

Leia mais

Pequeno Histórico sobre o uso dos Banhos

Pequeno Histórico sobre o uso dos Banhos Em qualquer época, nos Centros e Terreiros de Umbanda, os banhos tem sido de grande importância na fase de iniciação espiritual; por isso, torna-se necessário o conhecimento do uso das ervas, raízes, cascas,

Leia mais

CUIDAR DA NATUREZA RESPEITANDO OS ORIXÁS E ENTIDADES

CUIDAR DA NATUREZA RESPEITANDO OS ORIXÁS E ENTIDADES Ambiente em Ação CUIDAR DA NATUREZA RESPEITANDO OS ORIXÁS E ENTIDADES Orientações para práticas culturais/religiosas em unidades de conservação e áreas naturais protegidas por lei. Bem vindo(a)! componente

Leia mais

OCASIÕES ESPECIAIS. Batismo 1. Composição: Bitty/ Gilda Máximo

OCASIÕES ESPECIAIS. Batismo 1. Composição: Bitty/ Gilda Máximo OCASIÕES ESPECIAIS Amaci Composição: Leonardo Guimarães A todos que olham > A todos que estão aqui > Muita atenção, hoje é noite de Amaci >2x Filhos de fé respeitem o pano branco Babalaô preparou seu banho

Leia mais

Trajetória Mãe Monica Berezutchi

Trajetória Mãe Monica Berezutchi Trajetória Mãe Monica Berezutchi Nasci em uma família católica praticante. Fui batizada, crismada. Ia à missa todo Domingo. E foi em um encontro de jovens católicos que conheci o Marcelo. Começamos a namorar

Leia mais

Curso de Umbanda VESTUÁRIO

Curso de Umbanda VESTUÁRIO Sociedade Espiritualista Mata Virgem Este arquivo foi retirado do Site Povo de Aruanda www.povodearuanda.com.br Curso de Umbanda VESTUÁRIO POR QUE USAMOS O BRANCO Dentre os princípios da Umbanda, um dos

Leia mais

Uma corrente é uma cadeia de

Uma corrente é uma cadeia de DIVERSAS CORRENTES Uma corrente é uma cadeia de elos unidos e destes depende sua capacidade de resistência à ruptura e a confiança em sua finalidade. Quando falamos corrente mediúnica designamos a que

Leia mais

O poder do elemento Éter. O elemento da Nova era Anjos - Mestres rituais

O poder do elemento Éter. O elemento da Nova era Anjos - Mestres rituais O poder do elemento Éter O elemento da Nova era Anjos - Mestres rituais 1 O poder do elemento Éter O elemento da Nova era Anjos - Mestres rituais manú 3 Índice Apresentação... 13 Os chackras... 24 Ativando

Leia mais

Cultura Afro-Indígena Brasileira. Prof. Ms. Celso Ramos Figueiredo Filho

Cultura Afro-Indígena Brasileira. Prof. Ms. Celso Ramos Figueiredo Filho Cultura Afro-Indígena Brasileira Prof. Ms. Celso Ramos Figueiredo Filho Religiões Afro-Brasileiras Introdução - Escravidão miscigenação e sincretismo (Angola, Moçambique, Congo) - 3 a 5 milhões de africanos

Leia mais

ESPIRITISMO E UMBANDA

ESPIRITISMO E UMBANDA ESPIRITISMO E UMBANDA 1 O Espiritismo e a Umbanda são doutrinas espiritualistas, como também o judaísmo, o catolicismo, o protestantismo, a teosofia, o rosa-cruz, o esoterismo, etc., o que não impede de

Leia mais

HINÁRIO NOVA DIMENSÃO

HINÁRIO NOVA DIMENSÃO HINÁRIO NOVA DIMENSÃO Tema 2012: Flora Brasileira Rabo de Galo (Worsleya rayneri) Padrinho Alfredo Alfredo Gregório de Melo 1 www.hinarios.org 2 01 BRILHANTES PEDRAS FINAS Marcha - Valsa Ao pai eterno

Leia mais

INTRODUÇÃO ARCANJOS E ANJOS DA GUARDA OU MENSAGEIROS DO UNIVERSO

INTRODUÇÃO ARCANJOS E ANJOS DA GUARDA OU MENSAGEIROS DO UNIVERSO INTRODUÇÃO ARCANJOS E ANJOS DA GUARDA OU MENSAGEIROS DO UNIVERSO Anjos da guarda são mensageiros de Deus ou do universo que vem até a Terra para cuidar de todos os seres humanos, sem pedir nada em troca

Leia mais

Sobre Sérgio Ajabiim Sérgio Ajabiim é natural de Fortaleza CE, onde desenvolve seus trabalhos e também faz atendimentos (Terapia em Sincronicidade).

Sobre Sérgio Ajabiim Sérgio Ajabiim é natural de Fortaleza CE, onde desenvolve seus trabalhos e também faz atendimentos (Terapia em Sincronicidade). Sobre Sérgio Ajabiim Sérgio Ajabiim é natural de Fortaleza CE, onde desenvolve seus trabalhos e também faz atendimentos (Terapia em Sincronicidade). Terapeuta Holístico CRT 33.720, é escritor com seis

Leia mais

PROGRAMA I PRÁTICA MODULO II

PROGRAMA I PRÁTICA MODULO II PROGRAMA I / MODULO I ROTEIROS: 3 E 4 PROGRAMA I PRÁTICA MODULO II MARIA JOSÉ, REJANE, ROBERTO OBJETIVOS Conceituar passe, prece e irradiação Apresentar os tipos de prece e seus benefícios Esclarecer sobre

Leia mais

FORMATOU DOM PATRÔ TEXTO INTERNET E DOM PATRÔ MUSICA INTERPRETE DULCE PONTES DANA WINER

FORMATOU DOM PATRÔ TEXTO INTERNET E DOM PATRÔ MUSICA INTERPRETE DULCE PONTES DANA WINER FORMATOU DOM PATRÔ TEXTO INTERNET E DOM PATRÔ MUSICA INTERPRETE DULCE PONTES DANA WINER AO VER PELA VEZ PRIMEIRA AS IMAGENS DESSA PRECIOSIDADE, O TEMA ME ENCANTOU, POIS SOU APAIXONADO PELAS NOSSAS RAIZES

Leia mais

BONECAS CIGANAS* Cód. C01 - cigana latina Cód. C03 - cigana espanhola vermelha

BONECAS CIGANAS* Cód. C01 - cigana latina Cód. C03 - cigana espanhola vermelha VL FABRICAÇÃO E COMÉRCIO DE ARTIGOS DE ARTESANATO LTDA. Rua Oscar Guanabarino, 236 - Senador Vasconcelos CEP: 23013-560 - Rio de Janeiro - RJ - Brasil Tel.: 55 21 96476-4367(nextel) / 98109-3304 (tim)

Leia mais

OS ORIXÁS. Na aurora de sua civilização, o povo africano mais tarde conhecido pelo nome de iorubá,

OS ORIXÁS. Na aurora de sua civilização, o povo africano mais tarde conhecido pelo nome de iorubá, OS ORIXÁS UM POUCO DE HISTÓRIA: Na aurora de sua civilização, o povo africano mais tarde conhecido pelo nome de iorubá, chamado de nagô no Brasil e lucumi em Cuba, acreditava que forças sobrenaturais impessoais,

Leia mais

Nova Era: SÍMBOLOS E SIGNIFICADOS

Nova Era: SÍMBOLOS E SIGNIFICADOS Nova Era: SÍMBOLOS E SIGNIFICADOS A humanidade ao longo de sua existência desenvolveu uma relação de intimidade com o sobrenatural, exteriorizada no culto a Deus e conseqüente observação dos princípios

Leia mais

Palestra Virtual. Tema: Espiritismo e Espiritualismo. Palestrante: Altivo Pamphiro. Promovida pelo IRC-Espiritismo http://www.irc-espiritismo.org.

Palestra Virtual. Tema: Espiritismo e Espiritualismo. Palestrante: Altivo Pamphiro. Promovida pelo IRC-Espiritismo http://www.irc-espiritismo.org. Palestra Virtual Promovida pelo IRC-Espiritismo http://www.irc-espiritismo.org.br Tema: Espiritismo e Espiritualismo Palestrante: Altivo Pamphiro Rio de Janeiro 01/08/2003 Organizadores da Palestra: Moderador:

Leia mais

Magia, Filosofia do Fogo e Doutrina Ritualística. da Escola do Grande Oriente Místico

Magia, Filosofia do Fogo e Doutrina Ritualística. da Escola do Grande Oriente Místico 1 Magia, Filosofia do Fogo e Doutrina Ritualística da Escola do Grande Oriente Místico 2 Índice DISSECANDO A UMBANDA 13 UMBANDA 14 VERSÃO DA ANUNCIAÇÃO 15 Versão da mescla 18 Versão Mística 19 TERREIRO

Leia mais

NÍVEL III E MESTRADO CARMEM FARAGE. www.institutolumni.com

NÍVEL III E MESTRADO CARMEM FARAGE. www.institutolumni.com NÍVEL III E MESTRADO CARMEM FARAGE www.institutolumni.com DEDICATÓRIA Dedico este trabalho ao planeta Terra, para que a energia que flua dos nossos corações enquanto mestres de Reiki, possam contribuir

Leia mais

Dicionário Umbandista

Dicionário Umbandista Dicionário Umbandista ABRIR A GIRA: abertura dos trabalhos nos terreiros. ADJÁ: Sineta ritual, de alumínio ou cobre, constituído de uma, duas, três ou mais campânulas. ALDEIA: morada dos Caboclos na Aruanda.

Leia mais

Mensageiros da Espiritualidade

Mensageiros da Espiritualidade 1 Mensageiros da Espiritualidade O Despertar da Humanidade para um Novo Momento Entidades de Comandando e Chefia do Templo Espiritual de Umbanda Caboclo Pena Verde Primeira Edição Volume I São Paulo 2011

Leia mais

A NOVA ERA NEW AGE. Bruno Glaab

A NOVA ERA NEW AGE. Bruno Glaab A NOVA ERA NEW AGE A Nova Era (New Age) é uma mistura de crenças filosóficas e religiosas orientais: espiritualistas, animistas, teológicas, etc. Quer criar uma nova moral integrada no cosmos. Na realidade,

Leia mais

Índice COMO RECONHECER OS VÁRIOS TIPOS DE FEITIÇOS... 23

Índice COMO RECONHECER OS VÁRIOS TIPOS DE FEITIÇOS... 23 Índice INTRODUÇÃO... 13 HISTÓRIA DA MAGIA NEGRA... 15 Dois Tipos Distintos de Magia... 15 O Papel dos Magos na Sociedade... 16 O Medo do Desconhecido... 16 Canalização dos Desejos Mentais... 16 Suportes

Leia mais

TENDA DE UMBANDA CABOCLO UBIRAJARA E VOVÓ TEREZA REGIMENTO INTERNO SUZANO 2016

TENDA DE UMBANDA CABOCLO UBIRAJARA E VOVÓ TEREZA REGIMENTO INTERNO SUZANO 2016 1 TENDA DE UMBANDA CABOCLO UBIRAJARA E VOVÓ TEREZA REGIMENTO INTERNO SUZANO 2016 2 Tenda de Umbanda Caboclo Ubirajara e Vovó Tereza Rua Antônio Rachid, 364 Jardim Carlos Cooper Suzano SP. Fundada em 02

Leia mais

DESENHOS ESPÍRITAS Um aprendiz do Evangelho

DESENHOS ESPÍRITAS Um aprendiz do Evangelho 1 DESENHOS ESPÍRITAS Um aprendiz do Evangelho 2 3 A consciência e Deus A consciência é o fio invisível de contato com Deus e analisa cada um dos nossos pensamentos, sentimentos e ações, aprovando-os ou

Leia mais

Curso de Umbanda OS CABOCLOS

Curso de Umbanda OS CABOCLOS Curso de Umbanda OS CABOCLOS São os nossos amados Caboclos os legítimos representantes da Umbanda, eles se dividem em diversas tribos, de diversos lugares formando aldeias, eles vem de todos os lugares

Leia mais

CULTURA ECLÉTICA ENSINAMENTOS ESOTEROESPIRITUALISTAS

CULTURA ECLÉTICA ENSINAMENTOS ESOTEROESPIRITUALISTAS CULTURA ECLÉTICA ENSINAMENTOS ESOTEROESPIRITUALISTAS AULA nº 2 A mente humana possui muitos canais de comunicação, com os quais se relaciona com o mundo exterior e interior. Esses canais, quando são ativados,

Leia mais

Sumário. Pausa para Reflexão... 11

Sumário. Pausa para Reflexão... 11 CAMPINAS SP 2003 Sumário Pausa para Reflexão... 11 1. Campo Fluídico... 15 2. Calma Ativa... 19 3. Fé Raciocinada... 23 4. Luz Indispensável... 27 5. Ondas Viciadas... 31 6. Perante a Dúvida... 37 7. Sem

Leia mais

#62. O batismo do Espírito Santo (continuação)

#62. O batismo do Espírito Santo (continuação) O batismo do Espírito Santo (continuação) #62 Estamos falando sobre alguns dons do Espírito Santo; falamos de suas obras, dos seus atributos, como opera o novo nascimento e, por último, estamos falando

Leia mais

Sites. www.bemestareconhecimento.weebly.com www.universoholisticodoser.weebly.com. Skype: filha.da.mata

Sites. www.bemestareconhecimento.weebly.com www.universoholisticodoser.weebly.com. Skype: filha.da.mata Sites www.bemestareconhecimento.weebly.com www.universoholisticodoser.weebly.com Skype: filha.da.mata Ritual para o Conselho Cármico Todas as pessoas encarnadas, nesta noite de 31 de (março, junho, setembro

Leia mais

Uma volta no tempo de Atlântida

Uma volta no tempo de Atlântida Cristais mestres Esse curso, tratar-se de conhecimentos sagrados deixados por mestres antigos e passados adiante por aqueles que acreditavam que os que descobrissem zelariam por ele. Há muitos anos atrás,

Leia mais

C A P R I C Ó R N I O : A L U Z D A V I V Ê N C I A

C A P R I C Ó R N I O : A L U Z D A V I V Ê N C I A PLENILÚNIO DE CAPRICÓRNIO (Lua Cheia 5/1/2015 às 1:53 hora de local Argentina e Brasil (nos locais com horário de verão acrescentar uma hora) C A P R I C Ó R N I O : A L U Z D A V I V Ê N C I A Aquele

Leia mais

Os Números Pitagóricos

Os Números Pitagóricos Os Números Pitagóricos O Mestre Pitágoras de Samos trouxe a Ciência dos Números do Oriente ao Ocidente e explicava aos Recém-Iniciados o significado e o valor destes Números. Filosoficamente, atestava

Leia mais

ARTE E CULTURA AFRO-BRASILEIRA

ARTE E CULTURA AFRO-BRASILEIRA ARTE E CULTURA AFRO-BRASILEIRA Cultura afro-brasileira é o resultado do desenvolvimento da cultura africana no Brasil, incluindo as influências recebidas das culturas portuguesa e indígena que se manifestam

Leia mais

O QUE É ESPIRITISMO (DOUTRINA ESPÍRITA)

O QUE É ESPIRITISMO (DOUTRINA ESPÍRITA) O QUE É ESPIRITISMO (DOUTRINA ESPÍRITA) Os fatos que o espiritismo nos trouxe a partir de 1857 existem faz tempo e tempo; mas somente a partir de 1857, com a publicação de O Livro dos Espíritos, eles vieram

Leia mais

Dúvidas mais comuns sobre Almas Gêmeas Alma Gêmea existe?

Dúvidas mais comuns sobre Almas Gêmeas Alma Gêmea existe? Dúvidas mais comuns sobre Almas Gêmeas Alma Gêmea existe? 1- Sim! O espírito, ao vir para a Terra, é divido em dois, que evoluem individualmente. 2-Todos nós temos nossa "outra metade"? Sim, a centelha

Leia mais

Deixo, em baixo, o significado de algumas cores.

Deixo, em baixo, o significado de algumas cores. {include_content_item 526} Criar apresentações em Powerpoint nem sempre é uma tarefa simples, principalmente quando não sabemos que cores utilizar. Seguir o gosto pessoal poderá não ser a melhor opção.

Leia mais

CONTEÚDOS. Candomblé Umbanda Xamanismo

CONTEÚDOS. Candomblé Umbanda Xamanismo CONTEÚDOS Candomblé Umbanda Xamanismo HABILIDADES Conhecer as religiões afrodescendentes e anímicas PAUTA DO DIA Acolhida Problematização Entrevista Exibição do Vídeo Leitura de Imagem Aprofundando o tema-

Leia mais

GEM - GRUPO DE ESTUDO DA MEDIUNIDADE

GEM - GRUPO DE ESTUDO DA MEDIUNIDADE GEM - GRUPO DE ESTUDO DA MEDIUNIDADE / Data:09/10-Junho-2013. Aula 21 Irradiação mental Conhecer os elementos e meios básicos para a ação da irradiação mental de forma adequada e segura. 1 FLUÍDO 1. Fluido

Leia mais

SER COMPANHEIRO MAÇOM

SER COMPANHEIRO MAÇOM SER COMPANHEIRO MAÇOM 1 Pelos IIr.: Roberto Rocha Verdini e Robson Batista Ser Companheiro Maçom é ter o sentimento de solidariedade, que nasce da sincera e íntima comunhão entre IIr.: e será a nossa eterna

Leia mais

Instituição Beneficente A Luz Divina Grupo da Fraternidade CONDUTA DOS MÉDIUNS 07 / 08 / 2015

Instituição Beneficente A Luz Divina Grupo da Fraternidade CONDUTA DOS MÉDIUNS 07 / 08 / 2015 Instituição Beneficente A Luz Divina Grupo da Fraternidade CONDUTA DOS MÉDIUNS 07 / 08 / 2015 Durante os meus estudos, fiquei me perguntando, o que trazer de muito especial para compartilhar com os irmãos,

Leia mais

FRATERNIDADE TABAJARA

FRATERNIDADE TABAJARA 1. Hino Oficial da Linha de Ogum: Vamos saravá Ogum no Terreiro! bis Ogum de noite e no dia inteiro! bis Ogum quando chega lá de Aruanda! bis Vem de Humaitá, Ogum! Já venceu demanda! bis Ogum Naruê, Ogum,

Leia mais

COMPUTAÇÃO GRÁFICA CORES. Curso: Tecnológico em Análise e Desenvolvimento de Sistemas Disciplina: COMPUTAÇÃO GRÁFICA 4º Semestre Prof.

COMPUTAÇÃO GRÁFICA CORES. Curso: Tecnológico em Análise e Desenvolvimento de Sistemas Disciplina: COMPUTAÇÃO GRÁFICA 4º Semestre Prof. COMPUTAÇÃO GRÁFICA CORES Curso: Tecnológico em Análise e Desenvolvimento de Sistemas Disciplina: COMPUTAÇÃO GRÁFICA 4º Semestre Prof. AFONSO MADEIRA CORES EM COMPUTAÇÃO GRÁFICA O uso de cores permite melhorar

Leia mais

Cada célula do ser vivo contém imensa

Cada célula do ser vivo contém imensa ECTOPLASMA Cada célula do ser vivo contém imensa variedade de características vitais e vibracionais, organizacionais no todo ou em partes específicas, que dependem das condições física, mental e vibracional

Leia mais

Palestra Virtual. Promovida pelo IRC-Espiritismo http://www.irc-espiritismo.org.br

Palestra Virtual. Promovida pelo IRC-Espiritismo http://www.irc-espiritismo.org.br Palestra Virtual Promovida pelo http://www.irc-espiritismo.org.br Tema: A Vontade Palestrante: Dulce Alcione Rio de Janeiro 29/09/2000 Organizadores da palestra: Moderador: "Luno" (nick: [Moderador]) "Médium

Leia mais

Expressão Cultural selecionada: Rezadeiras

Expressão Cultural selecionada: Rezadeiras Município: Ipaporanga Estado: CE Mobilizador Cultural: Cyria Mayrellys Lima Expressão Cultural selecionada: Rezadeiras Prática desenvolvida na Europa, durante da Idade Média, estritamente dentro do modelo

Leia mais

O Antigo Testamento tem como seus primeiros livros a TORÀ, ou Livro das leis. É um conjunto de 5 livros.

O Antigo Testamento tem como seus primeiros livros a TORÀ, ou Livro das leis. É um conjunto de 5 livros. O Antigo Testamento tem como seus primeiros livros a TORÀ, ou Livro das leis. É um conjunto de 5 livros. A Torá é o texto mais importante para o Judaísmo. Nele se encontram os Mandamentos, dados diretamente

Leia mais

Ação dos Espíritos na Natureza

Ação dos Espíritos na Natureza Ação dos Espíritos na Natureza Roteiro 27 FEDERAÇÃO EPÍRITA BRAILEIRA Estudo Aprofundado da Doutrina Espírita Programa Filosofia e Ciência Espíritas Objetivos Relacionar as principais tradições culturais

Leia mais

Fenômeno Religioso. Pontos de partida ao Fenômeno Religioso

Fenômeno Religioso. Pontos de partida ao Fenômeno Religioso Fenômeno Religioso Joachim Andrade Plenitude por toda parte. Da plenitude origina-se plenitude. Quando a plenitude se origina da plenitude, a plenitude permanece. Om Paz. paz. paz. (Invocação precedendo

Leia mais

MANUAL DE OCULTISMO PRÁTICO GOÉTIA E THEURGIA

MANUAL DE OCULTISMO PRÁTICO GOÉTIA E THEURGIA 1 PRÁTICAS OCULTAS MANUAL DE OCULTISMO PRÁTICO GOÉTIA E THEURGIA TETRAGRAMA 2 PRÁTICAS OCULTAS Manual de Ocultismo Prático Goétia e Theurgia TETRAGRAMA 3 Composição e organização W. Barra Comentários TETRAGRAMA

Leia mais

HINÁRIO. Madrinha Maria Alice Maria Alice Campos Freire 1. www.hinarios.org O ROSÁRIO 01 O ROSÁRIO

HINÁRIO. Madrinha Maria Alice Maria Alice Campos Freire 1. www.hinarios.org O ROSÁRIO 01 O ROSÁRIO HINÁRIO O ROSÁRIO Tema 2012: Flora Brasileira Três Marias (Bougainvillea spectabilis) Madrinha Maria Alice Maria Alice Campos Freire 1 www.hinarios.org 2 01 O ROSÁRIO Oh! Minha mãe Vós limpai meu pensamento

Leia mais

Cores em Computação Gráfica

Cores em Computação Gráfica Cores em Computação Gráfica Uso de cores permite melhorar a legibilidade da informação, possibilita gerar imagens realistas, focar atenção do observador, passar emoções e muito mais. Colorimetria Conjunto

Leia mais

SARAVÁ SEU ZÉ, SARAVA SEU ZÉ, SARAVÁ SEU ZÉ ELE SEMPRE AJUDA QUEM NELE TEM FÉ (BIS)

SARAVÁ SEU ZÉ, SARAVA SEU ZÉ, SARAVÁ SEU ZÉ ELE SEMPRE AJUDA QUEM NELE TEM FÉ (BIS) ZÉ PILINTRA SEU ZÉ (ANGOLA) SEU ZÉ ELE É MESTRE NA ARUANDA SARAVÁ A SUA BANDA VEM CHEGANDO DEVAGAR (BIS) QUANDO ELE CHEGA CHEGA SEMPRE SORRIDENTE UM CIGARRO ENTRE OS DENTES DE BRANCO PARA AMENIZAR OI O

Leia mais

UMBANDA PARA CRIANÇAS

UMBANDA PARA CRIANÇAS UMBANDA PARA CRIANÇAS Ney Brasil Hoffmann UMBANDA PARA CRIANÇAS As dúvidas de Beatriz Curitiba, 15 de junho de 2008. Dedico esta obra à minha filha, Beatriz de Oliveira Hoffmann, pois em suas dúvidas

Leia mais

DIFERENÇA ENTRE MÉDIUNS ESPÍRITAS E DE UMBANDA

DIFERENÇA ENTRE MÉDIUNS ESPÍRITAS E DE UMBANDA DIFERENÇA ENTRE MÉDIUNS ESPÍRITAS E DE UMBANDA 132 DIFERENÇA ENTRE MÉDIUNS ESPÍRITAS E DE UMBANDA NÃO HÁ SEPARATIVIDADE Evidentemente, sabeis que não há separatividade nem competição entre os espíritos

Leia mais

Candomblé e Umbanda As Diferenças

Candomblé e Umbanda As Diferenças ~ 1 ~ Candomblé e Umbanda As Diferenças Paulo Sett ~ 2 ~ 2013 de Paulo Sett Título Original em Português: Candomblé e Umbanda As Diferenças Capa e Miolo: Diana Reis Revisão: Paulo Sett Impressão: PerSe

Leia mais

Seminário: Terapia pelos Passes

Seminário: Terapia pelos Passes 1 Atividade Integrativa Para a tarefa do passe, no plano espiritual, não basta boa vontade. São necessárias qualidades de ordem superior e conhecimentos especializados. Padrão superior de elevação mental

Leia mais

Guias da Umbanda. Os Guias Espirituais

Guias da Umbanda. Os Guias Espirituais Os Guias Espirituais Guias da Umbanda Os Guias Espirituais na Umbanda são seres de luz dispostos a nos guiar durante uma ou mais encarnações, no sentido de nos orientar, intuir, auxiliar e proteger, sempre

Leia mais

O ouro está presente em quase tudo. O nome grego do ouro. Mais resistente e mais poderoso. Belas e valiosas cores.

O ouro está presente em quase tudo. O nome grego do ouro. Mais resistente e mais poderoso. Belas e valiosas cores. Olá, galera! Preparem-se para conhecer um pouco mais sobre a história do ouro, sua importância e diversos usos nos dias atuais. Nesta cartilha, vocês encontrarão jogos, curiosidades e divertidas brincadeiras

Leia mais

CONHECIMENTO DA LEI NATURAL. Livro dos Espíritos Livro Terceiro As Leis Morais Cap. 1 A Lei Divina ou Natural

CONHECIMENTO DA LEI NATURAL. Livro dos Espíritos Livro Terceiro As Leis Morais Cap. 1 A Lei Divina ou Natural CONHECIMENTO DA LEI NATURAL Livro dos Espíritos Livro Terceiro As Leis Morais Cap. 1 A Lei Divina ou Natural O que é a Lei Natural? Conceito de Lei Natural A Lei Natural informa a doutrina espírita é a

Leia mais

EBA-IBCU Out/Nov 2012. Wagner Fonseca João Mengaldo

EBA-IBCU Out/Nov 2012. Wagner Fonseca João Mengaldo EBA-IBCU Out/Nov 2012 Wagner Fonseca João Mengaldo ESPIRITISMO Em uma década, católicos perdem mais espaço para os evangélicos Entre 2000 e 2010, fatia de católicos cai 12% no total da população brasileira;

Leia mais

Associação Tenda Espírita Pai Joaquim D Angola e Vovó Cambina

Associação Tenda Espírita Pai Joaquim D Angola e Vovó Cambina Associação Tenda Espírita Pai Joaquim D Angola e Vovó Cambina ANO I EDIÇÃO DE AGOSTO DE 2014 Nº 01 EDITORIAL Mudança. Uma palavra que poucas pessoas gostam de ouvir e muito menos de realizar. Por que nós

Leia mais

13 DE DEZEMBRO DE 2009 FANTOCHES DA ILUSÃO, BOM SENSO OU SOMOS DONOS DA VERDADE?

13 DE DEZEMBRO DE 2009 FANTOCHES DA ILUSÃO, BOM SENSO OU SOMOS DONOS DA VERDADE? 13 DE DEZEMBRO DE 2009 FANTOCHES DA ILUSÃO, BOM SENSO OU SOMOS DONOS DA VERDADE? Infelizmente, os Centros Espíritas estão repletos de modismos e práticas vazias de sentido, oriundos da falta de conhecimento

Leia mais

ESCOLA MUNICIPAL PAPA JOÃO XXIII ENSINO FUNDAMENTAL. ENSINO RELIGIOSO Professora Sileane Ribeiro FOGO

ESCOLA MUNICIPAL PAPA JOÃO XXIII ENSINO FUNDAMENTAL. ENSINO RELIGIOSO Professora Sileane Ribeiro FOGO ENSINO RELIGIOSO FOGO O fogo é um elemento que parece ter vida, consome e ilumina, aquece e também causa dor e morte. Muitas vezes, é tido como sagrado, simbolizando, por exemplo, no cristianismo, o Espírito

Leia mais

IANSÃ PONTOS DE LINHA. 1. Oh, Iansã menina é do cabelo loiro Sua espada é de prata Sua coroa é de ouro

IANSÃ PONTOS DE LINHA. 1. Oh, Iansã menina é do cabelo loiro Sua espada é de prata Sua coroa é de ouro IANSÃ PONTOS DE LINHA 1. Oh, Iansã menina é do cabelo loiro Sua espada é de prata Sua coroa é de ouro 2. Iansã mãe virgem Do cabelo louro Ela desceu do céu Num cordel de ouro 3. Ventou nas matas Ventou

Leia mais

CENTROS DE FORÇA, CENTROS VITAIS ou CHACRAS:

CENTROS DE FORÇA, CENTROS VITAIS ou CHACRAS: CENTROS DE FORÇA, CENTROS VITAIS ou CHACRAS: Analisando a fisiologia do perispírito 1, classifiquemos os seus centros de força 2, aproveitando a lembrança das regiões mais importantes do corpo terrestre

Leia mais

A Revelação. São José dos Campos, 30 de Junho 1995 numa sessão gravada.

A Revelação. São José dos Campos, 30 de Junho 1995 numa sessão gravada. A Revelação Esta comunicação é mediúnica e foi gravada, e nesta, se observa que nalguns pontos, há interferências do médium. Especialmente onde há referências aos milagres de Jesus, Ele mesmo, no livro

Leia mais

Sociedade Espiritualista Mata Virgem. Curso de Umbanda

Sociedade Espiritualista Mata Virgem. Curso de Umbanda Sociedade Espiritualista Mata Virgem Curso de Umbanda CLASSIFICAÇÃO DOS EXUS CLASSIFICAÇÃO MORAL (BEM OU MAL): EXÚ PAGÃO OU EXÚ BATIZADO? Alguns espíritos, que usam indevidamente o nome de Exu, procuram

Leia mais

AS MANIFESTAÇÕES CULTURAIS DA UMBANDA NO MUNICÍPIO DE SANTA MARIA RS¹. NASCIMENTO, Taiane Flores do²; SACCOL, Paloma Tavares³; BEZZI, Meri Lourdes 4

AS MANIFESTAÇÕES CULTURAIS DA UMBANDA NO MUNICÍPIO DE SANTA MARIA RS¹. NASCIMENTO, Taiane Flores do²; SACCOL, Paloma Tavares³; BEZZI, Meri Lourdes 4 AS MANIFESTAÇÕES CULTURAIS DA UMBANDA NO MUNICÍPIO DE SANTA MARIA RS¹ NASCIMENTO, Taiane Flores do²; SACCOL, Paloma Tavares³; BEZZI, Meri Lourdes 4 1 Trabalho de Pesquisa NERA/CCNE/UFSM 2 Acadêmica do

Leia mais

AUTORES: NANCY MARTINS DE SÁ STOIANOV

AUTORES: NANCY MARTINS DE SÁ STOIANOV Ciências AUTORES: NANCY MARTINS DE SÁ STOIANOV Graduada em História e Pedagogia, Doutora em Filosofia e Metodologia de Ensino, Autora da Metodologia ACRESCER. REGINALDO STOIANOV Licenciatura Plena em Biologia,

Leia mais