Open Operational Platform

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Open Operational Platform"

Transcrição

1 Open Operational Platform Visão Tecnológica

2 Agenda Enquadramento Arquitectura Características Diferenciadoras Case Study 2

3 Enquadramento 3 Mobilidade Optimização Processos Tecnologia Operações

4 Enquadramento Integrar processos operacionais de forma transparente nos cenários funcionais de R/3 / Mobilidade e optimização de processos / Mapeamento de acções simples do operador em múltiplas transacções de negócio / Validação sistemática de informação / Enriquecimento dos cenários funcionais de R/3 Ferramenta orientada para o operador e focada nos processos para aumentar / Eficiência / Produtividade / Fiabilidade Arquitectura baseada em tecnologias comprovadas / Certificação SAP(4.7 Enterprise e ECC 6.0) / Integração transparente na infra-estrutura de TI / Operação estável e eficiente / Acessibilidade à informação / Reutilização de funcionalidade 4

5 Agenda Arquitectura Características Diferenciadoras Case Study 5

6 Arquitectura Visão Conceptual Monitoração e Customização Operação Web Services Componentes de Transacção Aplicação Específica Automated Warehouse Componentes de Negócio Aplicações Remotas Web Services Aplicação Específica Componentes Técnicos SCADA LIM Systems Repositório O2P R/3 6

7 Arquitectura Visão de Componentes COM COM srfc COM COM OLE DB TCP / IP XML COM Serial TCP / IP Presentation Layers Business Layer Data Layer 7

8 Arquitectura Integração SAP / Utiliza exclusivamente tecnologia SAP, com certificação para 4.7 e ECC 6.0 / Transferência de informação totalmente realizada com chamadas remotas, sem recurso a transferência de ficheiros / Mecanismos de failover que asseguram a recuperação e unicidade de troca de IDOCs / Recorre a processos standard para processamento de informação na entrada de R/3 / Recorre a múltiplos processos de geração de informação para receber dados de R/3, todos eles standard e com garantia de continuidade: Modelo de distribuição, Change Pointers, Determinação de saída para documentos / Suporta a realização de chamadas em on line (síncronas), para utilizar BAPIs ou módulos de função já desenvolvidos previamente pelos clientes 8

9 Arquitectura Detalhe de Componentes Session Manager / Serviço para gestão de sessões operador / Qualquer dispositivo com um browser HTML ou que suporte Microsoft.Net Compact Framework / Legacy STEP / Optimizado para reduzir tráfico e complexidade de processamento / Rápido / Eficiente / Preparado para suportar / Elevado número de utilizadores / Elevado volume transaccional / Tempos de resposta muito baixos ( inferiores a 300 milissegundo ) / Independente do meio de acesso / Rede local / Rede rádio frequência / Rede celular / Web Service / 9

10 Arquitectura Detalhe de Componentes Session Manager / Arquitectura totalmente Multi Threaded / Serviço totalmente configurável / Recursos utilizados DB, RFC, Threads / Sistemas R/3 de Inbound e Outbound / Utiliza Message Queue Service para troca de mensagens inter processo e inter servidor / Recuperação garantida de sessão num mesmo servidor em caso de falha de comunicações / Recuperação garantida de estado lógico da sessão em caso de falha do serviço / Permite o roaming de operadores entre múltiplos servidores sem perda de estado lógico da sessão. / Permite o estabelecimento de múltiplas sessões concorrentes para o mesmo equipamento físico / Mantém processos de background para limpeza de sessões inactivas / Estatísticas de performance on-line / Desenvolvido em C++, com recurso a todos os objectos COM que constituem a framework O2P 10

11 Arquitectura Detalhe de Componentes IDOC Service / Comunicação de IDOCs com R/3 Inbound e Outbound / Processamento de IDOCs / Serviço totalmente configurável / Recursos utilizados DB, RFC, Threads / Sistemas R/3 de Inbound e Outbound / Conexão em load balancing com SAP / Arquitectura Multi-Threaded / Processamento simultâneo de comunicações / Processamento simultâneo de IDOCs / Utiliza Message Queue Service para troca de mensagens inter processo e inter servidor / Mantém processos background de recuperação de comunicações e processamento de IDOCs / Estatísticas de performance on-line / Trace on line de sessões para depuração de problemas / Desenvolvido em C++, com recurso a todos os objectos COM que constituem a framework O2P 11

12 O2P Intranet Arquitectura Detalhe de Componentes / Portal AJAX ASP.NET, que permite a monitorização, operação e customização de todos os componentes / Necessita apenas de um browser HTML / Optimizado para navegabilidade e usabilidade / Códigos de acesso rápido e menus de fácil acesso / Utilização de tabuladores e componentes evoluídos para arrumação e visualização da informação / Utilização de links para drill down ou visualização de informação relacionada / Suporta elevado número de utilizadores concorrentes / Documentação on-line e criada à medida com ferramenta de e-learning / Disponibilidade continua / Focada nos processos dos utilizadores / Aprendizagem pela visualização de conclusão do processo / Desenvolvido em C#, com recurso a todos os objecto COM que constituem a framework O2P 12

13 Agenda Características Diferenciadoras Case Study 13

14 Características Diferenciadoras Flexibilidade / Solução baseada em customização, facilmente adaptável às modificações operacionais e de negócio / Implantação escalável para responder de forma gradual às necessidades das operações Abertura / Interface utilizador baseada em definições abertas: Qualquer dispositivo com browser HTML ou que suporte o Microsoft.Net Compact Framework pode ser utilizado como dispositivo operacional / Arquitectura baseada em componentes reutilizáveis / Plataforma única de desenho, optimização e implementação de visões móveis dos processos da companhia Transparência e Adequação / Visões operacionais adequadas ao trabalho do operador / Extensão transparente dos conceitos R/3 ao cenário operacional Rapidez de implementação / Existência de funcionalidades já desenvolvidas e com implementação imediata / Cenários operacionais mais comuns previamente customizados e imediatamente utilizáveis Disponibilidade / Sistema operacional apesar de indisponibilidade R/3 / Concebido para e utilizado em operação contínua (7*24) 14

15 Caracteriísticas Diferenciadoras Customização de Sessões / Total liberdade na tipificação de equipamentos e layouts / Customização total das características standard das sessões - Log On, Listas, Confirmações / Total liberdade na definição das transacções de equipamentos / Eventos standard e customizados, com associação a botões ou teclas de função / Múltiplos tipos de ecrans Simples, Visualização, Lista / Controlo de fluxo entre ecrans / Total liberdade na definição de relatórios / Definição e desenho / Momento de impressão e associação a evento / Determinação dinâmica de relatório e dispositivo de impressão 15

16 Caracteriísticas Diferenciadoras Customização de Sessões / Total liberdade na definição de transacções SAP IDOCs standard e custom / Total liberdade na definição de acções / Tipo de acção BAPIs e módulos de função Objectos COM Procedimentos SQL / Controlo de acção Execução, Explosão, Geração / Associação a evento, campo de entrada de dados ou tela / Possibilidade de utilização de objectos persistentes / Acesso a todas as tecnologias relevantes para a optimização das operações / RFId / Reconhecimento e sintetização de voz / Reconhecimento de imagem 16

17 Agenda Case Study 17

18 Case Study Jerónimo Martins Site 1 R/3 O2P Server Farm 2000 Server IIS 5.5.Net 1.1 MSMQ Intel Xeon 1 GB RAM 40 GB HDD Raid 1 Load Balancer Intranet Session Site n DB Server 2000 Server Oracle 9i 2 x Intel Xeon 2 GB RAM 120 GB HDD Raid 1 DB Archive 2000 Server Oracle 9i 2 x Intel Xeon 2 GB RAM 350 GB HDD Raid 1 18

19 / 16 funcionalidades operacionais / 220 sites / 4142 utilizadores / 920 terminais portáteis / 928 dispositivos de impressão / artigos / unidades de medida Case Study Jerónimo Martins / visões de artigo por loja / Múltiplos níveis operacionais, com visões e responsabilidades distintas / Operação / Controlo de Loja / Controlo de Operações / Gestão transparente de stock pertencente a companhias diferentes e localizado fisicamente na mesma loja 19

20 Case Study Jerónimo Martins Volumes / Negócio / Contagens inventário / mês / Artigos recebidos / dia / Número de devoluções ao Centro Distribuição / dia 564 / Número de devoluções a fornecedor / dia / Nº de artigos conferidos / dia / Nº de quebras imputadas por dia / Nº de artigos pedidos por dia / RF / # médio de sessões concorrentes 363 / Tempo médio processamento pedido 300 milisegundo / Intranet / 3120 Logons / dia / page requests / dia / Volume MB / dia / IDOCs / # médio IDOCs / dia / # médio segmentos / dia / # erros no processamento de IDOC / dia 0 20

SEO LINKEDIN FACEBOOK GOOGLE REDES SOCIAS E-COMMERCE TWITTER UNICRE PAY PAL 6.0 PLATAFORMA INTEGRADA DE NEGÓCIO E COMUNICAÇÃO ONLINE

SEO LINKEDIN FACEBOOK GOOGLE REDES SOCIAS E-COMMERCE TWITTER UNICRE PAY PAL 6.0 PLATAFORMA INTEGRADA DE NEGÓCIO E COMUNICAÇÃO ONLINE LINKEDIN FACEBOOK TWITTER GOOGLE REDES SOCIAS E-COMMERCE PAY PAL SEO UNICRE 6.0 PLATAFORMA INTEGRADA DE NEGÓCIO E COMUNICAÇÃO ONLINE ACTUALIZE O SEU SITE VENDAS ONLINE MARKETING ONLINE A PLATAFORMA GCM

Leia mais

PROJECTO SIGEBI SISTEMA DE GESTÃO DE BILHÉTICA. João Rodrigo Silva Patrícia Boavida Lisboa, 15-12-2011

PROJECTO SIGEBI SISTEMA DE GESTÃO DE BILHÉTICA. João Rodrigo Silva Patrícia Boavida Lisboa, 15-12-2011 PROJECTO SIGEBI SISTEMA DE GESTÃO DE BILHÉTICA João Rodrigo Silva Patrícia Boavida Lisboa, Agenda Enquadramento do Projecto Objectivos Macro Cartões de Transportes Equipamentos na Rede de Bilhética Transacções

Leia mais

Apresentação Institucional

Apresentação Institucional Apresentação Institucional Visão Geral A Logica Adviser SAP A Logica Adviser SAP é formada por profissionais com ampla experiência no mercado SAP. Sua essência está baseada nos princípios da: Qualidade

Leia mais

LASAP. Visão Geral. LASAP Institucional

LASAP. Visão Geral. LASAP Institucional LASAP Visão Geral A LASAP A LASAP é formada por profissionais com ampla experiência no mercado SAP. Sua essência está baseada nos princípios da: Qualidade e Pontualidade na entrega dos projetos Inovação

Leia mais

Service Appliance IVETIME. Disponibilidade de serviço instantânea! Plug and Play. Segurança. Tolerância a falhas. Manutenção zero. Elevada Performance

Service Appliance IVETIME. Disponibilidade de serviço instantânea! Plug and Play. Segurança. Tolerância a falhas. Manutenção zero. Elevada Performance IVETIME Service Appliance Disponibilidade de serviço instantânea! Aumentar a produtividade Transformar o serviço a Clientes Proteger o capital intelectual Plug and Play Segurança Tolerância a falhas Manutenção

Leia mais

Microsoft.NET. Desenvolvimento Baseado em Componentes

Microsoft.NET. Desenvolvimento Baseado em Componentes Microsoft.NET Lirisnei Gomes de Sousa lirisnei@hotmail.com Jair C Leite jair@dimap.ufrn.br Desenvolvimento Baseado em Componentes Resolução de problemas específicos, mas que podem ser re-utilizados em

Leia mais

R/3 e SAP WAS. 8/28/2003 José Alves Marques. R/3 e SAP WAS(2)

R/3 e SAP WAS. 8/28/2003 José Alves Marques. R/3 e SAP WAS(2) R/3 e SAP WAS O R/3 é um ERP Enterprise Resource Planning Um ERP é o sistema empresarial que disponibiliza módulos para os processos de negócio - de uma empresa Um ERP permite aumentar a eficiência dos

Leia mais

Mobile Business. Your sales on the move.

Mobile Business. Your sales on the move. Pág/02 O PRIMAVERA é um produto destinado a empresas que utilizem processos de auto-venda e/ou pré-venda com Equipas de Vendas que necessitem de um conjunto de informação e funcionalidades avançadas, disponíveis

Leia mais

Portabilidade da Linha RM Versão 11.20.0

Portabilidade da Linha RM Versão 11.20.0 Portabilidade da Linha RM Versão 11.20.0 Conteúdo Portabilidade para Servidor de Banco de Dados... 3 Níveis de Compatibilidade entre Bancos de Dados... 5 Portabilidade para Servidor de Aplicação... 6 Portabilidade

Leia mais

Arquitecturas de Sistemas de Informação

Arquitecturas de Sistemas de Informação Arquitecturas de Sistemas de Informação Arquitectura Tecnológica Arquitectura Tecnológica O que é: É a escolha dos tipos de tecnologia que devem ser utilizados para dar suporte a cada um dos sistemas e

Leia mais

XDR. Solução para Big Data.

XDR. Solução para Big Data. XDR Solução para Big Data. ObJetivo Principal O volume de informações com os quais as empresas de telecomunicações/internet têm que lidar é muito grande, e está em constante crescimento devido à franca

Leia mais

INTERNET HOST CONNECTOR

INTERNET HOST CONNECTOR INTERNET HOST CONNECTOR INTERNET HOST CONNECTOR IHC: INTEGRAÇÃO TOTAL COM PRESERVAÇÃO DE INVESTIMENTOS Ao longo das últimas décadas, as organizações investiram milhões de reais em sistemas e aplicativos

Leia mais

Enunciado do Projecto

Enunciado do Projecto C O M P U T A Ç Ã O M Ó V E L 2 0 0 7 / 2 0 0 8 Enunciado do Projecto 17 de Março de 2008 1. Objectivos Desenvolver uma aplicação num domínio aplicacional específico que envolva replicação e sincronização

Leia mais

Encontro de Utilizadores Esri 2013. ArcGIS for Server 10.2 Administração Orador: João Ferreira Esri Portugal

Encontro de Utilizadores Esri 2013. ArcGIS for Server 10.2 Administração Orador: João Ferreira Esri Portugal Encontro de Utilizadores Esri 2013 ArcGIS for Server 10.2 Administração Orador: João Ferreira Esri Portugal ArcGIS Server Administração e Configuração João Ferreira Agenda Arquitectura Instalação do ArcGIS

Leia mais

MBA Inteligência Competitiva Com ênfase em BI/CPM. Metadados

MBA Inteligência Competitiva Com ênfase em BI/CPM. Metadados MBA Inteligência Competitiva BI/CPM 1 Data Warehousing PÓS-GRADUAÇÃO MBA Inteligência Competitiva Com ênfase em BI/CPM Metadados Andréa Cristina Montefusco (36927) Hermes Abreu Mattos (36768) Robson Pereira

Leia mais

soluções transversais SOLUÇÕES mediabar multicanal

soluções transversais SOLUÇÕES mediabar multicanal soluções transversais SOLUÇÕES mediabar multicanal RESUMO DA SOLUÇÃO interface toolbar gestão interações parametrização A Multi-channel Mediabar (applet assistent) é uma aplicação destinada à gestão integral

Leia mais

Sistemas Multimédia. Arquitectura Protocolar Simples Modelo OSI TCP/IP. Francisco Maia famaia@gmail.com. Redes e Comunicações

Sistemas Multimédia. Arquitectura Protocolar Simples Modelo OSI TCP/IP. Francisco Maia famaia@gmail.com. Redes e Comunicações Sistemas Multimédia Arquitectura Protocolar Simples Modelo OSI TCP/IP Redes e Comunicações Francisco Maia famaia@gmail.com Já estudado... Motivação Breve História Conceitos Básicos Tipos de Redes Componentes

Leia mais

Portabilidade da Linha RM Versão 11.40.0

Portabilidade da Linha RM Versão 11.40.0 Portabilidade da Linha RM Versão 11.40.0 Conteúdo Portabilidade para Servidor de Banco de Dados... 3 Níveis de Compatibilidade entre Bancos de Dados... 5 Portabilidade para Servidor de Aplicação... 6 Portabilidade

Leia mais

Portabilidade da Linha RM Versão 12.1.5

Portabilidade da Linha RM Versão 12.1.5 Portabilidade da Linha RM Versão 12.1.5 19/06/2015 1. Sumário INTRODUÇÃO... 2 1. PORTABILIDADE PARA SERVIDOR DE BANCO DE DADOS... 3 2. NIVEIS DE COMPATIBILIDADE ENTRE BANCOS DE DADOS... 5 4. PORTABILIDADE

Leia mais

Especificação do KAPP-PPCP

Especificação do KAPP-PPCP Especificação do KAPP-PPCP 1. ESTRUTURA DO SISTEMA... 4 1.1. Concepção... 4 2. FUNCIONALIDADE E MODO DE OPERAÇÃO... 5 3. TECNOLOGIA... 7 4. INTEGRAÇÃO E MIGRAÇÃO DE OUTROS SISTEMAS... 8 5. TELAS E RELATÓRIOS

Leia mais

UFG - Instituto de Informática

UFG - Instituto de Informática UFG - Instituto de Informática Especialização em Desenvolvimento de Aplicações Web com Interfaces Ricas EJB 3.0 Prof.: Fabrízzio A A M N Soares professor.fabrizzio@gmail.com Aula 5 Servidores de Aplicação

Leia mais

soluções transversais SOLUÇÕES contact center

soluções transversais SOLUÇÕES contact center soluções transversais SOLUÇÕES contact center 1 2 3 4 5 6 7 8 9 + 0-1 2 3 4 5 6 7 8 9 + 0-1 2 3 4 5 6 7 8 9 + 0 - RESUMO DA SOLUÇÃO multi-canal inteligente consolidada browser oriented O IT Contact é uma

Leia mais

Violin Tours Management

Violin Tours Management vtm Violin Tours Management Violin Tours Management tm vviolin Tours Management Visão Geral Bem-vindo ao Violin Tours Management, uma aplicação completa para que você automatize canais de relacionamento,

Leia mais

CUSTO TOTAL DE PROPRIEDADE DO PANDA MANAGED OFFICE PROTECTION. 1. Resumo Executivo

CUSTO TOTAL DE PROPRIEDADE DO PANDA MANAGED OFFICE PROTECTION. 1. Resumo Executivo 1. Resumo Executivo As empresas de todas as dimensões estão cada vez mais dependentes dos seus sistemas de TI para fazerem o seu trabalho. Consequentemente, são também mais sensíveis às vulnerabilidades

Leia mais

Web Technologies. Tópicos da apresentação

Web Technologies. Tópicos da apresentação Web Technologies Tecnologias de Middleware 2004/2005 Hugo Simões hsimoes@di.fc.ul.pt 1 A Web Tópicos da apresentação Tecnologias Web para suporte a clientes remotos (Applets,CGI,Servlets) Servidores Aplicacionais

Leia mais

sector financeiro SOLUÇÕES mobile banking

sector financeiro SOLUÇÕES mobile banking sector financeiro SOLUÇÕES mobile banking RESUMO DA SOLUÇÃO segurança integração usabilidade transversalidade O canal de Banca Eletrónica Mobile é um canal web para dispositivos móveis (smartphones, PDA

Leia mais

Solução de Auto-Venda

Solução de Auto-Venda Solução de Auto-Venda A Problemática Vendedores sem acesso a dados vitais para o seu trabalho Vendedores limitados e condicionados pelo escritório Pouca eficácia na gestão das vendas Solução Competitividade

Leia mais

Fábio Costa e Miguel Varela

Fábio Costa e Miguel Varela Sistema de Informação e Gestão dos Laboratórios do Departamento de Eng.ª Electrotécnica com Tecnologia RFID Projecto Final de Licenciatura em Eng. Electrotécnica e de Computadores Ramo de Electrónica e

Leia mais

Positivo Network Manager 4

Positivo Network Manager 4 Positivo Network Manager 4 O gerenciamento eficiente de informações e de tecnologia da informação (TI) é um fator reconhecidamente crítico na maioria das organizações. As informações e as tecnologias que

Leia mais

Aula 2: RIA - Aplicações Ricas para Internet Fonte: Plano de Aula Oficial da Disciplina

Aula 2: RIA - Aplicações Ricas para Internet Fonte: Plano de Aula Oficial da Disciplina Programação para Internet Rica 1 Aula 2: RIA - Aplicações Ricas para Internet Fonte: Plano de Aula Oficial da Disciplina Objetivo: Identificar as principais características de uma Aplicação Internet Rica.

Leia mais

Service Oriented Architectures

Service Oriented Architectures Service Oriented Architectures Uma abordagem evolutiva Manager, IT Middleware Vodafone Portugal Mario.saraiva@vodafone.com Agenda 1. O desafio da Integração O princípio do Middleware, ActiveWorks e Middleware

Leia mais

Portabilidade da Linha RM Versão 11.52

Portabilidade da Linha RM Versão 11.52 Portabilidade da Linha RM Versão 11.52 25/02/2014 Sumário 1. Portabilidade para Servidor de Banco de Dados... 3 2. Níveis de Compatibilidade entre Bancos de Dados... 4 3. Portabilidade para Servidor de

Leia mais

ZetesChronos Visibilidade total do processo de entrega

ZetesChronos Visibilidade total do processo de entrega ZetesChronos Visibilidade total do processo de entrega WWW.ZETES.COM ALWAYS A GOOD ID Eleve a qualidade dos serviços de Prova de Entrega Quer seja uma empresa de transportes, encomendas e serviços postais

Leia mais

SISTEMAS DISTRIBUIDOS

SISTEMAS DISTRIBUIDOS 1 2 Caracterização de Sistemas Distribuídos: Os sistemas distribuídos estão em toda parte. A Internet permite que usuários de todo o mundo acessem seus serviços onde quer que possam estar. Cada organização

Leia mais

Modelo de Camadas OSI

Modelo de Camadas OSI Modelo de Camadas OSI 1 Histórico Antes da década de 80 -> Surgimento das primeiras rede de dados e problemas de incompatibilidade de comunicação. Década de 80, ISO, juntamente com representantes de diversos

Leia mais

Portabilidade da Linha RM Versão 11.40.0

Portabilidade da Linha RM Versão 11.40.0 Portabilidade da Linha RM Versão 11.40.0 Data Responsável Versão Doc. Observação 23/11/2012 Camilo Ribeiro da Silva 2 Revisão Conteúdo Portabilidade para Servidor de Banco de Dados... 3 Níveis de Compatibilidade

Leia mais

Excelência em Metodologia de Helpdesk

Excelência em Metodologia de Helpdesk Excelência em Metodologia de Helpdesk O IntraDesk foi desenvolvido com base nas melhores práticas conhecidas de Helpdesk, indicadas por organizações como o Gartner Group e o Helpdesk Institute, que, aliadas

Leia mais

CSI IT Solutions. WebReport2.5. Relatórios abertos. Acesso controlado Extensibilidade de módulos IMPACTO AMBIENTAL

CSI IT Solutions. WebReport2.5. Relatórios abertos. Acesso controlado Extensibilidade de módulos IMPACTO AMBIENTAL CSI IT Solutions 2.5 solução CSI PrintManager G e s t ã o d e A m b i e n t e d e I m p r e s s ã o O CSI dá aos gestores de TI o poder de uma gestão integral através do acesso fácil às informações gerenciais

Leia mais

Plataforma de Business Intelligence

Plataforma de Business Intelligence Plataforma de Business Intelligence ASTEN TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO A Asten é uma empresa do ramo da tecnologia da informação (TI) que tem seu foco na busca por soluções inovadoras. Nosso slogan criando

Leia mais

Totally Integrated Automation (TIA) Portal Siemens AG 2015. All Rights Reserved. siemens.com/tia-portal

Totally Integrated Automation (TIA) Portal Siemens AG 2015. All Rights Reserved. siemens.com/tia-portal 20 Maio 2015 Totally Integrated Automation (TIA) Portal siemens.com/tia-portal Indústria - Tendências Tendências Comunicação de campo baseada em Ethernet Funcionalidades IT Aumento de capacidade e flexibilidade

Leia mais

LEI DE ACESSO A INFORMAÇÃO DIREITO DO CIDADÃO

LEI DE ACESSO A INFORMAÇÃO DIREITO DO CIDADÃO DESCRIÇÃO DO SIGAI O SIGAI (Sistema Integrado de Gestão do Acesso à Informação) é uma solução de software que foi desenvolvida para automatizar os processos administrativos e operacionais visando a atender

Leia mais

Concurso público para aquisição de plataforma de facturação electrónica. Resposta aos pedidos de esclarecimentos. Julho de 2009

Concurso público para aquisição de plataforma de facturação electrónica. Resposta aos pedidos de esclarecimentos. Julho de 2009 GLOBALGARVE COOPERAÇÃO E DESENVOLVIMENTO, SA Concurso público para aquisição de plataforma de facturação electrónica Resposta aos pedidos de esclarecimentos Julho de 2009 Página 1 de 7 No seguimento do

Leia mais

Apresentação Comercial. Software de Gestão Advisor

Apresentação Comercial. Software de Gestão Advisor Apresentação Comercial Software de Gestão Advisor Software Gestão Advisor Integração de sistemas de segurança Funcionalidades Comercial Características, Conceito, Funcionalidades & Benefícios Intrusão,

Leia mais

TOPKAPI VISION. 15 de Março de 2010 (versão provisória) TOPKAPI MMI: Interface grafica autonoma para operadores de terminais.

TOPKAPI VISION. 15 de Março de 2010 (versão provisória) TOPKAPI MMI: Interface grafica autonoma para operadores de terminais. MÓDULOS TOPKAPI SOFTWARE SCADA TOPKAPI VISION 15 de Março de 2010 (versão provisória) A gama dos produtos TOPKAPI é composta por: TOPKAPI MMI: Interface grafica autonoma para operadores de terminais. TOPKAPI

Leia mais

Visão Geral Técnica Xenos Enterprise Server. Grupo Xenos. Dados. Documentos

Visão Geral Técnica Xenos Enterprise Server. Grupo Xenos. Dados. Documentos Visão Geral Técnica Xenos Enterprise Server Dados Documentos Linha de Aplicativos de Negócio Arquitetura do Xenos Enterprise Server A plataforma do Xenos Enterprise Server (ES) trata dos desafios do negócio

Leia mais

Aranda INVENTORY. Benefícios Estratégicos para sua Organização. (Standard & Plus Edition) Beneficios. Características V.2.0907

Aranda INVENTORY. Benefícios Estratégicos para sua Organização. (Standard & Plus Edition) Beneficios. Características V.2.0907 Uma ferramenta de inventario que automatiza o cadastro de ativos informáticos em detalhe e reporta qualquer troca de hardware ou software mediante a geração de alarmes. Beneficios Informação atualizada

Leia mais

ZetesAthena Gestão in-store mais inteligente

ZetesAthena Gestão in-store mais inteligente ZetesAthena Gestão in-store mais inteligente WWW.ZETES.COM ALWAYS A GOOD ID Precisão de aprovisionamento para o retalhista omnicanal Evitar a perda de vendas As expetativas dos clientes estão a mudar e

Leia mais

A PLATAFORMA TECNOLÓGICA DE INTEGRAÇÃO DOS MÓDULOS DO SISTEMA DE GESTÃO DE PAVIMENTOS DA ADMINISTRAÇÃO RODOVIÁRIA PORTUGUESA

A PLATAFORMA TECNOLÓGICA DE INTEGRAÇÃO DOS MÓDULOS DO SISTEMA DE GESTÃO DE PAVIMENTOS DA ADMINISTRAÇÃO RODOVIÁRIA PORTUGUESA A PLATAFORMA TECNOLÓGICA DE INTEGRAÇÃO DOS MÓDULOS DO SISTEMA DE GESTÃO DE PAVIMENTOS DA ADMINISTRAÇÃO RODOVIÁRIA PORTUGUESA PEDRO TROCADO 1 RICARDO SOUSA 1 LUÍS SOUSA 1 MARCO VIANA 1 JOÃO MATOS 1 EMANUEL

Leia mais

Como garantir o sucesso nas iniciativas de Migração de Dados

Como garantir o sucesso nas iniciativas de Migração de Dados Como garantir o sucesso nas iniciativas de Migração de Dados 1 2 Enquadramento Migração de Dados Requisito habitual no Desenvolvimento Desenvolvimento de Aplicações Consolidação Aplicacional Upgrade M&A

Leia mais

Implantando Data Discovery para equipes centralizadas e descentralizadas

Implantando Data Discovery para equipes centralizadas e descentralizadas Implantando Data Discovery para equipes centralizadas e descentralizadas Agenda 1. Self-service Gerenciado» A necessidade de gestão do self-service» Problemas em implementações reais de BI» A solução ideal

Leia mais

Resumo: Perguntas a fazer ao elaborar um projeto arquitetural

Resumo: Perguntas a fazer ao elaborar um projeto arquitetural Resumo: Perguntas a fazer ao elaborar um projeto arquitetural Sobre entidades externas ao sistema Quais sistemas externos devem ser acessados? Como serão acessados? Há integração com o legado a ser feita?

Leia mais

Desenvolvendo e Integrando Serviços Multiplataforma de TV Digital Interativa

Desenvolvendo e Integrando Serviços Multiplataforma de TV Digital Interativa Desenvolvendo e Integrando Serviços Multiplataforma de TV Digital Interativa Agenda Introdução Aplicações interativas de TV Digital Desafios de layout e usabilidade Laboratório de usabilidade Desafios

Leia mais

PROJETO E IMPLANTAÇÃO DE INTRANETS

PROJETO E IMPLANTAÇÃO DE INTRANETS PROJETO E IMPLANTAÇÃO DE INTRANETS Aulas : Terças e Quintas Horário: AB Noite [18:30 20:20hs] PROJETO E IMPLANTAÇÃO DE INTRANETS 1 Conteúdo O que Rede? Conceito; Como Surgiu? Objetivo; Evolução Tipos de

Leia mais

MÓDULO II UTILIZAÇÃO DE SISTEMAS DE GESTÃO DA FORMAÇÃO ONLINE

MÓDULO II UTILIZAÇÃO DE SISTEMAS DE GESTÃO DA FORMAÇÃO ONLINE MÓDULO II UTILIZAÇÃO DE SISTEMAS DE GESTÃO DA FORMAÇÃO ONLINE Objectivos gerais do módulo No final do módulo, deverá estar apto a: Identificar um Sistema de Gestão da Formação Online; Analisar as diversas

Leia mais

Integração Orientada a Serviços

Integração Orientada a Serviços Integração Orientada a Serviços Porto Alegre, Agosto de 2006 Agenda Sobre a e-core SOA O que é? Web Services x SOA Principal Motivação - Integração SOI ESB BPEL JBI ServiceMix Solução Proposta A Empresa

Leia mais

Partner Network. www.scriptcase.com.br

Partner Network. www.scriptcase.com.br www.scriptcase.com.br A Rede de Parceiros ScriptCase é uma comunidade que fortalece os nossos representantes em âmbito nacional, possibilitando o acesso a recursos e competências necessários à efetivação

Leia mais

Gestão Administrativa

Gestão Administrativa Sistemas de Gestão Administrativa Flávia Silva (Chefe do Serviço de Informática da Diretoria de Administração da Fiocruz) Diná Herdi de Medeiros Araújo (Analista de Sistemas do Serviço de Informática da

Leia mais

SIBS PROCESSOS cria solução de factura electrónica com tecnologias Microsoft

SIBS PROCESSOS cria solução de factura electrónica com tecnologias Microsoft SIBS PROCESSOS cria solução de factura electrónica com tecnologias Microsoft A solução MB DOX oferece uma vantagem competitiva às empresas, com a redução do custo de operação, e dá um impulso à factura

Leia mais

Virtualização e Consolidação de Centro de Dados O Caso da UTAD António Costa - acosta@utad.pt

Virtualização e Consolidação de Centro de Dados O Caso da UTAD António Costa - acosta@utad.pt Universidade de Trás-os-Montes e Alto Douro Virtualização e Consolidação de Centro de Dados O Caso da UTAD António Costa - acosta@utad.pt Agenda A UTAD Virtualização Uma definição Introdução e abrangência

Leia mais

INTEGRE Diversas fontes de informações em uma interface intuitiva que exibe exatamente o que você precisa

INTEGRE Diversas fontes de informações em uma interface intuitiva que exibe exatamente o que você precisa INTEGRE Diversas fontes de informações em uma interface intuitiva que exibe exatamente o que você precisa ACESSE Informações corporativas a partir de qualquer ponto de Internet baseado na configuração

Leia mais

PRIMAVERA BUSINESS SOFTWARE SOLUTIONS, SA

PRIMAVERA BUSINESS SOFTWARE SOLUTIONS, SA PRIMAVERA BUSINESS SOFTWARE SOLUTIONS, SA Introdução Nesta edição do Catálogo de Serviços apresentamos os vários tipos de serviços que compõe a actual oferta da Primavera na área dos serviços de consultoria.

Leia mais

Especificação Técnica

Especificação Técnica Especificação Técnica Última atualização em 31 de março de 2010 Plataformas Suportadas Agente: Windows XP e superiores. Customização de pacotes de instalação (endereços de rede e dados de autenticação).

Leia mais

Dynamic Data Center. A infra-estrutura de suporte às SOA. Francisco Miller Guerra Senior Product Manager Fujitsu Siemens Computers

Dynamic Data Center. A infra-estrutura de suporte às SOA. Francisco Miller Guerra Senior Product Manager Fujitsu Siemens Computers Dynamic Data Center A infra-estrutura de suporte às SOA Francisco Miller Guerra Senior Product Manager Fujitsu Siemens Computers As necessidades do negócio pressionam continuamente as infra-estruturas

Leia mais

Qpoint Rumo à Excelência Empresarial

Qpoint Rumo à Excelência Empresarial 2 PRIMAVERA BSS Qpoint Rumo à Excelência Empresarial Numa era em que a competitividade entre as organizações é decisiva para o sucesso empresarial, a aposta na qualidade e na melhoria contínua da performance

Leia mais

Retalho. Simplificamos o seu negócio.

Retalho. Simplificamos o seu negócio. Retalho Soluções especializadas para boutiques, sapatarias, perfumariam, hipermercados, supermercados, lojas de electrodomésticos, hardware, jardins. etc. Também tem software especializado em ponto de

Leia mais

BEMATECH LOJA LIVE. Requerimento de Infra-instrutura (servidores no cliente)

BEMATECH LOJA LIVE. Requerimento de Infra-instrutura (servidores no cliente) BEMATECH LOJA LIVE Requerimento de Infra-instrutura (servidores no cliente) Versão 1.0 03 de março de 2011 DESCRIÇÃO Este documento oferece uma visão geral dos requerimentos e necessidades de infra-estrutura

Leia mais

ISTEMA DE GERENCIAMENTO DE OCUMENTOS ELETRÔNICOS

ISTEMA DE GERENCIAMENTO DE OCUMENTOS ELETRÔNICOS ISTEMA DE GERENCIAMENTO DE OCUMENTOS ELETRÔNICOS A Sonda IT traz para o mercado o Comply e-docs, que engloba soluções para a transmissão e gerenciamento de documentos fiscais eletrônicos. De fácil implementação

Leia mais

Projuris Enterprise Visão Geral da Arquitetura do Sistema

Projuris Enterprise Visão Geral da Arquitetura do Sistema Projuris Enterprise Visão Geral da Arquitetura do Sistema Março/2015 Página 1 de 17 Projuris Enterprise Projuris Enterprise é um sistema 100% Web, com foco na gestão de contencioso por empresas ou firmas

Leia mais

Sistemas Distribuídos. Introdução. Edeyson Andrade Gomes. www.edeyson.com.br

Sistemas Distribuídos. Introdução. Edeyson Andrade Gomes. www.edeyson.com.br Sistemas Distribuídos Introdução Edeyson Andrade Gomes www.edeyson.com.br SUMÁRIO Definições Características Desafios Vantagens Desvantagens 2 Definições DEFINIÇÕES Um sistema distribuído é uma coleção

Leia mais

Noções de. Microsoft SQL Server. Microsoft SQL Server

Noções de. Microsoft SQL Server. Microsoft SQL Server Noções de 1 Considerações Iniciais Basicamente existem dois tipos de usuários do SQL Server: Implementadores Administradores 2 1 Implementadores Utilizam o SQL Server para criar e alterar base de dados

Leia mais

vgf Violin Gerenciador de Franquias

vgf Violin Gerenciador de Franquias vgf Violin Gerenciador de Franquias Violin Gerenciador de Franquias vgf Violin Gerenciador de Franquias Visão Geral Bem-vindo ao Violin Gerenciador de Franquias, uma poderosa aplicação vertical que dá

Leia mais

TOPLAB VERSÃO WEB 3.0 Solução completa para o gerenciamento de laboratórios de análises clínicas Interface web

TOPLAB VERSÃO WEB 3.0 Solução completa para o gerenciamento de laboratórios de análises clínicas Interface web Página 01 TOPLAB VERSÃO WEB 3.0 Solução completa para o gerenciamento de laboratórios de análises clínicas Interface web Página 02 Plataforma O TOPLAB foi projetado para funcionar na web, nasceu 'respirando

Leia mais

Requisitos de Hardware e Software Engeman. Versão 2015/01

Requisitos de Hardware e Software Engeman. Versão 2015/01 Requisitos de Hardware e Software Engeman Versão 2015/01 Requisitos de Software e Hardware para Funcionamento da Solução Engeman Este descritivo tem como objetivo especificar os requisitos de software

Leia mais

Requisitos de Hardware e Software Engeman. Versão 2014/10

Requisitos de Hardware e Software Engeman. Versão 2014/10 Requisitos de Hardware e Software Engeman Versão 2014/10 Requisitos de Software e Hardware para Funcionamento da Solução Engeman Este descritivo tem como objetivo especificar os requisitos de software

Leia mais

BRAlarmExpert. Software para Gerenciamento de Alarmes. BENEFÍCIOS obtidos com a utilização do BRAlarmExpert:

BRAlarmExpert. Software para Gerenciamento de Alarmes. BENEFÍCIOS obtidos com a utilização do BRAlarmExpert: BRAlarmExpert Software para Gerenciamento de Alarmes A TriSolutions conta com um produto diferenciado para gerenciamento de alarmes que é totalmente flexível e amigável. O software BRAlarmExpert é uma

Leia mais

CARACTERÍSTICAS E FUNCIONALIDADES BÁSICAS INGRIS CMS

CARACTERÍSTICAS E FUNCIONALIDADES BÁSICAS INGRIS CMS CARACTERÍSTICAS E FUNCIONALIDADES BÁSICAS INGRIS CMS Documentação da Infraestrutura de TIC com o INGRIS CMS Cabling Management System INFRAESTRUTURA DE CONECTIVIDADE Um bom sistema de administração provê

Leia mais

Interfaces Homem-Máquina

Interfaces Homem-Máquina Interfaces Homem-Máquina www.altus.com.br Muito mais que IHMs Insuperável: gráficos vetoriais em hardware de alto desempenho Interativa: comunicação com diversos dispositivos de automação Intuitiva: biblioteca

Leia mais

INSTALAÇÃO DO MICROSOFT SQL SERVER 2008 R2

INSTALAÇÃO DO MICROSOFT SQL SERVER 2008 R2 INSTALAÇÃO DO MICROSOFT SQL SERVER 2008 R2 Neste item aprenderemos a instalar o Microsoft SQL SERVER 2008 R2 e a fazer o Upgrade de versões anteriores do SQL SERVER 2008 R2. Também veremos as principais

Leia mais

Projecto de Engenharia de Software e Sistemas Distribuídos 2009-10. Requisitos para a 3ª entrega do projecto. FeaRSe.

Projecto de Engenharia de Software e Sistemas Distribuídos 2009-10. Requisitos para a 3ª entrega do projecto. FeaRSe. Departamento de Engenharia Informática Engenharia de Software, Sistemas Distribuídos Requisitos para a 3ª entrega do projecto FeaRSe 6 de Maio de 2010 Índice Índice... 1 1 Sumário... 2 2 Requisitos...

Leia mais

Agenda. A Empresa História Visão Conceito dos produtos

Agenda. A Empresa História Visão Conceito dos produtos Agenda A Empresa História Visão Conceito dos produtos Produto Conceito Benefícios Vantagens: Criação Utilização Gestão Segurança Integração Mobilidade Clientes A empresa WF História Em 1998, uma ideia

Leia mais

Desenvolvimento de Conteúdos Educativos

Desenvolvimento de Conteúdos Educativos Projecto de Publicação de Informação Educativa Escola Superior de Educação de Bragança Vitor Manuel Barrigão Gonçalves Bragança, 2003 Sumário Contexto Objectivos Modelo Tecnológico e Modelo de Desenvolvimento

Leia mais

INTERLIMS SISTEMA DE GERENCIAMENTO DE INFORMAÇÕES PARA LABORATÓRIOS DE ANÁLISES DE ÁGUA

INTERLIMS SISTEMA DE GERENCIAMENTO DE INFORMAÇÕES PARA LABORATÓRIOS DE ANÁLISES DE ÁGUA INTERLIMS SISTEMA DE GERENCIAMENTO DE INFORMAÇÕES PARA LABORATÓRIOS DE ANÁLISES DE ÁGUA INTERLIMS SISTEMA DE GERENCIAMENTO DE INFORMAÇÕES PARA LABORATÓRIOS DE ANÁLISES DE ÁGUA O InterLIMS se apresenta

Leia mais

Ferramentas Web para controle e supervisão: o que está por vir

Ferramentas Web para controle e supervisão: o que está por vir Artigos Técnicos Ferramentas Web para controle e supervisão: o que está por vir Marcelo Salvador, Diretor de Negócios da Elipse Software Ltda. Já faz algum tempo que ouvimos falar do controle e supervisão

Leia mais

Apresentação Institucional

Apresentação Institucional Apresentação Sobre a OpServices Fabricante de software focada no gerenciamento de ambientes de TI e Telecom e processos de negócios. Mais de 12 anos de experiência no monitoramento de indicadores de infraestrutura;

Leia mais

Tarefa Orientada 2 Criar uma base de dados

Tarefa Orientada 2 Criar uma base de dados Tarefa Orientada 2 Criar uma base de dados Objectivos: Criar uma base de dados vazia. O Sistema de Gestão de Bases de Dados MS Access Criar uma base dados vazia O Access é um Sistema de Gestão de Bases

Leia mais

SISTEMA DE AGENDAMENTO E GERENCIAMENTO DE CONSULTAS CLÍNICAS

SISTEMA DE AGENDAMENTO E GERENCIAMENTO DE CONSULTAS CLÍNICAS SISTEMA DE AGENDAMENTO E GERENCIAMENTO DE CONSULTAS CLÍNICAS Pablo dos Santos Alves Alexander Roberto Valdameri - Orientador Roteiro da apresentação Introdução Objetivos Motivação Revisão bibliográfica

Leia mais

BluePlant Software SCADA/HMI. altus. evolução em automação. www.altus.com.br

BluePlant Software SCADA/HMI. altus. evolução em automação. www.altus.com.br BluePlant Software SCADA/HMI altus www.altus.com.br evolução em automação Uma nova visão da sua realidade Impressionante: gráficos de alta qualidade e configuração intuitiva Superior: segurança, redundância

Leia mais

ELIMINE Custos em horas de programação dedicadas a relatórios

ELIMINE Custos em horas de programação dedicadas a relatórios PROCESSOS OPTIMIZADOS SOLUÇÕES PERFECTAS Qbit S.A. SE ESPECIALIZA NA MODELIZAÇÃO DE PROCESSOS E NO DESENVOLVIMENTO E IMPLEMENTAÇÃO DE SISTEMAS Processamento de informes. Desenho de Layout. Impresão, cópia

Leia mais

Especificação do Sistema Operativo CAMES - CAixa Mágica Enterprise Server

Especificação do Sistema Operativo CAMES - CAixa Mágica Enterprise Server Especificação do Sistema Operativo CAMES - CAixa Mágica Enterprise Server Versão: 1.06 Data: 2010-11-15 SO CAMES 1 ÍNDICE A Apresentação do CAMES - CAixa Mágica Enterprise Server - Sistema Operativo de

Leia mais

Requisitos de Sistema Impressão Comerciale Editorial

Requisitos de Sistema Impressão Comerciale Editorial Impressão Comerciale Editorial OneVision Software AG Sumário Asura 10.0, Asura Pro 10.0, Garda 10.0...2 PlugBALANCEin 10.0, PlugCROPin 10.0, PlugFITin 10.0, PlugRECOMPOSEin 10.0, PlugSPOTin10.0,...2 PlugTEXTin

Leia mais

SolarWinds Kiwi Syslog Server

SolarWinds Kiwi Syslog Server SolarWinds Kiwi Syslog Server Monitoramento de syslog fácil de usar e econômico O Kiwi Syslog Server oferece aos administradores de TI o software de gerenciamento mais econômico do setor. Fácil de instalar

Leia mais

Soluções de software para os processos de intralogística

Soluções de software para os processos de intralogística Software Solution Soluções de software para os processos de intralogística Desde soluções simples e flexíveis até à complexa gestão de stocks: JMIF, Kardex Drive, Power Pick Global Software Solution Warehouse

Leia mais

Gravação e Transmissão

Gravação e Transmissão O D-Guard Center é um poderoso sistema de controle e monitoramento, integrado aos mais diversos equipamentos de segurança eletrônica. Ilimitados dispositivos podem ser controlados e monitorados simultaneamente:

Leia mais

3 Um Framework Orientado a Aspectos para Monitoramento e Análise de Processos de Negócio

3 Um Framework Orientado a Aspectos para Monitoramento e Análise de Processos de Negócio 32 3 Um Framework Orientado a Aspectos para Monitoramento e Análise de Processos de Negócio Este capítulo apresenta o framework orientado a aspectos para monitoramento e análise de processos de negócio

Leia mais

ACN Online - A sua loja de informática. Toda a linha de aplicações platinum line é suportada por

ACN Online - A sua loja de informática. Toda a linha de aplicações platinum line é suportada por Soluções Eticadata gestão comercial Toda a linha de aplicações platinum line é suportada por uma base de dados Microsoft SQL Server plataforma tecnológica reconhecida pela sua robustez, fiabilidade, performance

Leia mais

Informática. Aula 9. A Internet e seu Uso nas Organizações

Informática. Aula 9. A Internet e seu Uso nas Organizações Informática Aula 9 A Internet e seu Uso nas Organizações Curso de Comunicação Empresarial 2º Ano O Que é a Internet? A Internet permite a comunicação entre milhões de computadores ligados através do mundo

Leia mais

Windows 2008 Server. Windows 2008 Server IFSP Boituva Prof. Sérgio Augusto Godoy. www.profsergiogodoy.com sergiogutogodoy@hotmail.

Windows 2008 Server. Windows 2008 Server IFSP Boituva Prof. Sérgio Augusto Godoy. www.profsergiogodoy.com sergiogutogodoy@hotmail. Windows 2008 Server IFSP Boituva Prof. Sérgio Augusto Godoy www.profsergiogodoy.com sergiogutogodoy@hotmail.com Windows 2008 Server Construído sob o mesmo código do Vista Server Core (Instalação somente

Leia mais

Tecnologia da Informação. Prof Odilon Zappe Jr

Tecnologia da Informação. Prof Odilon Zappe Jr Tecnologia da Informação Prof Odilon Zappe Jr Internet Internet Internet é o conglomerado de redes, em escala mundial de milhões de computadores interligados, que permite o acesso a informações e todo

Leia mais

Soluções IBM SmartCloud. 2014 IBM Corporation

Soluções IBM SmartCloud. 2014 IBM Corporation Soluções IBM SmartCloud Estratégia de Cloud Computing da IBM Business Process as a Service Software as a Service Platform as a Service Infrastructure as a Service Design Deploy Consume Tecnologias para

Leia mais