DESCRIÇÃO DO FUNCIONAMENTO Basicamente o ANTRON II-s recebe sinais provenientes da atuação de contatos elétricos externos, associados a equipamentos

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "DESCRIÇÃO DO FUNCIONAMENTO Basicamente o ANTRON II-s recebe sinais provenientes da atuação de contatos elétricos externos, associados a equipamentos"

Transcrição

1 DESCRIÇÃO DO FUNCIONAMENTO Basicamente o ANTRON II-s recebe sinais provenientes da atuação de contatos elétricos externos, associados a equipamentos ou sistemas que se queiram supervisionar, via contatos (NA ou NF) iniciadores de sua lógica, processando a seqüência especificada. Como se pode notar no diagrama de blocos da página seguinte, os pontos monitorados entram no ANTRON II-s através de placas periféricas, sendo que cada uma destas placas podem receber sinais de até 8 pontos externos (com exceção da placa periférica 1, na qual o primeiro ponto é para indicar a falta CC e os demais são pontos de alarme). Sendo assim, se o ANTRON II-s possuir 23 pontos ativos + 1 ponto de falta CC é sinal que ele tem 3 placas periféricas, e se possuir 95 pontos ativos + 1 ponto de falta CC é sinal que ele tem 12 placas periféricas, e assim por diante. Toda condição anormal irá ocasionar a geração de alarmes visuais e sonoros locais, bem como irá aparecer esta informação na tela do computador, caso o cliente possua o software aplicativo e esteja conectado a um PC. Cada ponto de entrada do ANTRON II-s pode apresentar um contato retransmissor para sinalização remota ou início de operações complementares. Todas as placas periféricas estão conectadas em uma placa de leds. Nesta mesma placa estão conectadas as tensões de referência que vem da fonte interna do ANTRON II-s e também a placa CPU. A placa CPU recebe sinais de todas as periféricas, processa as informações e gera um algoritmo que está guardado numa memória interna. Este algoritmo retorna informações às periféricas com comandos a serem seguidos (feche contato repetidor, abra contato repetidor, pisque o led, acenda o led, apague o led, etc). A placa CPU também recebe comandos do usuário, através do teclado de membrana ou das entradas remotas. É nela que está a buzina interna, que irá ser acionada sempre que ocorrer uma condição anormal em qualquer dos pontos supervisionados. Sempre que a buzina interna atuar, o contato do relé repetidor de buzina também muda de estado, possibilitando a atuação de outra sinalização como: lâmpada, buzina externa, etc. Se houver falha na alimentação CC, o contato do relé repetidor de falta CC muda de estado, possibilitando a atuação de outra sinalização como uma lâmpada ou uma buzina externa, etc., ao mesmo tempo em que a sinalização visual do canal 1 acende. Este led do canal 1 será alimentado por uma tensão CA que está colocada nos pinos 8 e 9 da CPU. O ANTRON II-s possui a função de auto-diagnose, isto é, ele próprio se testa internamente, e se acontecer uma falha interna (o microcontrolador falhar por exemplo) o ANTRON II-s avisa externamente por um contato repetidor e por um led de CPU Ativa (se o led ficar aceso ou apagado a CPU está com falha e se o led estiver piscando a CPU está normal). O ANTRON II-s pode se comunicar com um microcomputador através de uma interface disponível tipo RS232 ou RS485. Existe um software aplicativo detalhado no manual do software ANT2V2. Através de entradas disponíveis na placa CPU é possível realizar a operação do ANTRON II-s remotamente.

2 DIAGRAMA DE BLOCOS ANTRON II-s

3 PAINEL FRONTAL O painel frontal do ANTRON II-s é composto das seguintes partes: Painel de Visualização: este módulo permitea visualização local dos pontos de alarme. Painel de Membrana: Tecla de Teste da Sinalização Visual: TL - um toque nesta tecla acende todos os leds, com exceção do led do canal 1 que é exclusivo para falta CC; Tecla de Teste dos Canais: TC - tecla do painel que permite verificar as condições do circuito. Quando ativado simula um alarme em todos os pontos ativos do circuito;

4 Tecla de Conhecimento: C - tecla do painel que o operador irá ativar sempre que ocorrer uma condição anormal nos pontos supervisionados, indicando ao ANTRON II-s que já conhece o problema. Ao se apertar o botão de conhecimento a buzina irá silenciar ou não, de acordo com a seqüência programada; Tecla de Rearme: R - tecla do painel que o operador irá ativar sempre que o ponto que ocasionou a condição anormal voltar ao normal. Este botão é utilizado somente nas seqüências que não possuem o rearme automático; Tecla de Silêncio de Buzina: S - Toda vez que acionada, interrompe o som da buzina. Painel de Led e Buzina: Led V. Aux.: indica que o anunciador está alimentado com a tensão auxiliar correspondente; Led CPU Ativo: piscando indica que a CPU do anunciador está funcionando, estando somente apagado ou somente aceso indica falha da CPU; Buzina: indica sinalização sonora do anunciador; Chave buzina: liga/desliga a buzina.

5 DIMENSIONAIS E VISTA FRONTAL DOS PAINÉIS

6 Diagrama de ligação em Vcc DIAGRAMAS DE LIGAÇÕES

7

8 SEQÜÊNCIAS DE ANUNCIAÇÃO As seqüências são programadas via microcomputador. São normas que indicam mudanças nas condições de processo, através de diferentes estados de sinalização visual e de funções de operação. O ANTRON II-s está preparado para seguir qualquer uma das seqüências mostradas no desenho abaixo, sendo que cada ponto ativo pode seguir uma seqüência determinada pelo cliente.

9

10 Cada seqüência tem a sua aplicação específica. Assim por exemplo, se o cliente deseja conhecer qual foi o primeiro alarme que ocasionou a falha, pela tabela vemos que ele escolherá a seqüência F1A, visto que nesta seqüência apenas o primeiro alarme é que ficará piscando, os demais ficarão acesos. Desta forma, cada aplicação tem a seqüência mais apropriada para utilização. Abaixo vemos o exemplo de utilização da seqüência A (ISA 1):

11 SOFTWARE APLICATIVO Sempre que o cliente desejar, poderá adquirir o software aplicativo do ANTRON II-s e, assim, remotamente acompanhar o funcionamento do ANTRON II-s on-line, bem como operar o equipamento ou alterar dados de programação. Este software é composto de uma tela principal onde se visualiza os estados atuais dos pontos ativos e da buzina. Visualiza-se também o estado atual do ANTRON II-s quando existir a comunicação ANTRON II-s e microcomputador. Todos os comandos realizados pelo operador (teste, conhecimento, etc), podem ser realizados através do software aplicativo. Na tela principal existem comandos que acessam diversos menus.

12 O primeiro menu F1 (PROG) permite ao operador programar todos os pontos ativos do ANTRON II-s, cada um separadamente (polaridade NA/NF, existência e seqüência). Para se acessar este menu é necessário uma senha, para que apenas os operadores autorizados possam acessar a programação. No menu seguinte F2 (INFO), tem-se as informações dos comandos previstos na tela principal. Em outro menu F4, podemos editar todos os textos que aparecem no painel frontal do ANTRON II-s, de forma que, na ocorrência de um alarme, irá aparecer uma mensagem para o operador descrevendo o ocorrido. Em outro menu F7, podem ser visualizados os últimos 2000 eventos ocorridos, e em que mês, dia, hora, minuto e segundo eles ocorreram. Para maiores informações sobre o software, ver manual específico. Caso o usuário deseje este software, deve requisitá-lo durante o processo de compra.

13

14 CARACTERÍSTICAS TÉCNICAS

15 ESPECIFICAÇÃO DE ENCOMENDA

16

17

18

19 Aviso Para evitar danos pessoais ou ao equipamento, somente pessoas qualificadas devem realizar os procedimentos apresentados neste manual. Tendo em vista a evolução das normas e dos materiais, nos reservamos o direito de alterar as dimensões e características. Somente dados e características indicados na nossa confirmação de pedido serão mantidos. Para maiores informações contate nossa página na internet. ATEEI - Equipamentos Eletroeletrônicos Industriais Ltda Rua Comendador Mariano Torres, 168 Ouro Verde CEP Campo Largo - Paraná - BR Fone/Fax:

Central de Alarme de Oito Zonas

Central de Alarme de Oito Zonas Central de Alarme de Oito Zonas R02 ÍNDICE CARACTERÍSTICAS GERAIS:... 3 CARACTERÍSTICAS TÉCNICAS:... 3 CONHECENDO A CENTRAL:... 4 COMO A CENTRAL FUNCIONA:... 4 COMO APAGAR A MEMÓRIA DA CENTRAL:... 4 COMO

Leia mais

BLOCKGAS. Sistema de Monitoração e Alarme de vazamento de gás SB330. Este módulo é parte integrante do sistema de detecção de gás SB330.

BLOCKGAS. Sistema de Monitoração e Alarme de vazamento de gás SB330. Este módulo é parte integrante do sistema de detecção de gás SB330. Este módulo é parte integrante do sistema de detecção de gás. É composto por um circuito inteligente (microcontrolado) que recebe o sinal gerado por um sensor eletrônico de gás, processa sua calibração

Leia mais

www: toppoalarmes.com.br SAC: 0800-643-6680

www: toppoalarmes.com.br SAC: 0800-643-6680 Prezado cliente, Muito obrigado por escolher o alarme residencial TPS-100: você adquiriu um produto de alta qualidade, confiabilidade e sofisticação. Por favor leia todas as instruções relacionadas ao

Leia mais

MANUAL TÉCNICO DA CENTRAL E DO SISTEMA DE DETECÇÃO E ALARME DE INCÊNDIO

MANUAL TÉCNICO DA CENTRAL E DO SISTEMA DE DETECÇÃO E ALARME DE INCÊNDIO MANUAL TÉCNICO DA CENTRAL E DO SISTEMA DE DETECÇÃO E ALARME DE INCÊNDIO A EQUIPEL assegura ao proprietário deste aparelho garantia de 01 ano contra qualquer defeito de peça ou de fabricação desde que,

Leia mais

ANUNCIADOR DE ALARME AL-2003

ANUNCIADOR DE ALARME AL-2003 AL-2003 Manual do usuário Anunciador de Alarme MAN-PT-DE-AL2003 Rev.: 1.00-12 Introdução Obrigado por ter escolhido nosso AL-2003. Para garantir o uso correto e eficiente do AL-2003, leia este manual

Leia mais

MANUAL TÉCNICO DA CENTRAL FÊNIX-20L

MANUAL TÉCNICO DA CENTRAL FÊNIX-20L MANUAL TÉCNICO SUMÁRIO CARACTERÍSTICAS GERAIS... 3 PRINCIPAIS CARACTERÍSTICAS... 3 ESPECIFICAÇÕES TÉCNICAS... 3 PAINEL... 4 FUNÇÕES DO PAINEL... 4 FUNÇÕES INTERNAS PLACA DE CONTROLE... 6 FUNÇÕES INTERNAS

Leia mais

INFORMATIVO DE PRODUTO

INFORMATIVO DE PRODUTO Temporizador Automático / Relógio Programador de Horário Para Acionamento Automático de Sirenes e Outros Equipamentos Código: AFKITPROG 2 O REGISTRADOR ELETRÔNICO DE PONTO REP O Relógio Acionador Automático

Leia mais

CENTRAL DE ALARME DE INCÊNDIO MULTIPLEX Série AIM48 (Final)

CENTRAL DE ALARME DE INCÊNDIO MULTIPLEX Série AIM48 (Final) 1 - INTRODUÇÃO: CENTRAL DE ALARME DE INCÊNDIO MULTIPLEX Série AIM48 (Final) Trata-se de uma sistema de alarme de incêndio para utilização onde há somente acionadores manuais e sirenes convencionais, não

Leia mais

CURSO OPERACIONAL TOPOLOGIA SISTEMA SIGMA 485-E

CURSO OPERACIONAL TOPOLOGIA SISTEMA SIGMA 485-E SIGMA Sistema Integrado de Combate a Incêndio CURSO OPERACIONAL TOPOLOGIA SISTEMA SIGMA 485-E CABO BLINDADO (SHIELD) 4 VIAS 2X2,50 MM + 2X0,75 MM IHM Possibilidade de até 95 loops. LOOP LOOP LOOP CABO

Leia mais

Manual de funcionamento Esteira transportadora

Manual de funcionamento Esteira transportadora Manual de funcionamento Esteira transportadora Sumário 1. DESCRIÇÃO DO SISTEMA... 2 2. ITENS DO SISTEMA... 3 2.1. PLACA DE COMANDO... 3 2.1.1. Sinalizador... 3 2.1.2. Botão pulsador... 3 2.1.3. Chave comutadora...

Leia mais

Central de Detecção de Incêndio 4 Zonas Manual de Instalação

Central de Detecção de Incêndio 4 Zonas Manual de Instalação Central de Detecção de Incêndio 4 Zonas Manual de Instalação Características Quatro zonas com capacidade de teste/isolamento. Dois circuitos de alarme com possibilidade de isolamento. Fonte de alimentação

Leia mais

A senha 001 de fábrica é 151515.

A senha 001 de fábrica é 151515. 1 2 Índice PROGRAMANDO USUÁRIOS...4 MODO DE PROGRAMAÇÃO DE SENHAS:...4 COMO CADASTRAR NOVOS USUÁRIOS:... 4 COMO DESABILITAR USUÁRIOS:... 4 ATIVANDO A CENTRAL...5 ATIVAR GERAL... 5 ATIVAÇÃO RÁPIDA...5 ATIVAR

Leia mais

PRODUTOS SERIADOS. ME30 infobox

PRODUTOS SERIADOS. ME30 infobox PRODUTOS SERIADOS ME30 infobox SISTEMA DE PROCESSAMENTO DE SINAIS Adquirir, processar e visualizar de 8 a 40 alarmes ou indicadores de estado Funções de alarme configuráveis Anunciadores com possibilidade

Leia mais

Manual; Módulo de Alarme com Sirene Piezo Elétrica Dedicada; Dois Transmissores com Bateria; Chicote de Potência.

Manual; Módulo de Alarme com Sirene Piezo Elétrica Dedicada; Dois Transmissores com Bateria; Chicote de Potência. COMPOSIÇÃO DO SISTEMA DE ALARME Manual; Módulo de Alarme com Sirene Piezo Elétrica Dedicada; Dois Transmissores com Bateria; Chicote de Potência. INFORMAÇÕES AO PROPRIETÁRIO 1. OPERAÇÕES BÁSICAS DO ALARME

Leia mais

ANUNCIADOR DE ALARMES AL-2001

ANUNCIADOR DE ALARMES AL-2001 ANUNCIADOR DE ALARMES AL-2001 Série: A Manual de usuário Ref.: AL-2001 AL-2001 V1.0Rev.:A07/07 Introdução Obrigado por ter escolhido nosso AL-2001. Para garantir o uso correto e eficiente do AL-2001,

Leia mais

Guia de utilização do software. universal GPRS M-300.

Guia de utilização do software. universal GPRS M-300. Guia de utilização do software Programador do módulo universal GPRS M-300. JFL Equipamentos Eletrônicos Ind. e Com. Ltda. Rua: João Mota, 471 - Bairro: Jardim das Palmeiras Santa Rita do Sapucaí - MG CEP:

Leia mais

Hera Indústria de Equipamentos Eletrônicos LTDA. Manual de Instalação e Operação. Central de alarme HR 4031 Light \ Plus 4 setores HERA

Hera Indústria de Equipamentos Eletrônicos LTDA. Manual de Instalação e Operação. Central de alarme HR 4031 Light \ Plus 4 setores HERA Central de alarme HR 4031 Light \ Plus 4 setores HERA Manual do Usuário 1 Índice: 1 Aplicação:... 3 2 Características:... 3 3 Características de funcionamento... 3 4- Apresentação da Central... 4 4.1 Parte

Leia mais

Hamtronix CONTROLE REMOTO DTMF. CRD200 - Manual de Instalação e Operação. Software V 2.0 Hardware Revisão B

Hamtronix CONTROLE REMOTO DTMF. CRD200 - Manual de Instalação e Operação. Software V 2.0 Hardware Revisão B Hamtronix CRD200 - Manual de Instalação e Operação Software V 2.0 Hardware Revisão B INTRODUÇÃO Índice...01 Suporte On-line...01 Termo de Garantia...01 Em Caso de Problemas (RESET)...01 Descrição do Produto...02

Leia mais

CENTRAL DE ALARME DE incêndio MODELO NGSG101. Versão 1.03, Agosto 2006 ERP:30303964

CENTRAL DE ALARME DE incêndio MODELO NGSG101. Versão 1.03, Agosto 2006 ERP:30303964 1 CENTRALNGSG101.DOC CENTRAL DE ALARME DE incêndio MODELO NGSG101 Manual de Instalação e de Operação INDICE 1. Generalidades 2. Especificações técnicas 3. Estrutura e configuração 3.1 Aspecto exterior

Leia mais

SISTEMA DE MONITORAMENTO DIGITAL

SISTEMA DE MONITORAMENTO DIGITAL SISTEMA DE MONITORAMENTO DIGITAL Módulos para automação Características gerais - Processamento independente - Possui alerta sonoro e luminoso de falta de conexão - Não precisa ser configurado (Plug and

Leia mais

Hera Indústria de Equipamentos Eletrônicos LTDA. Manual de Instalação e Operação. Central de alarme HR 4020 2 setores HERA.

Hera Indústria de Equipamentos Eletrônicos LTDA. Manual de Instalação e Operação. Central de alarme HR 4020 2 setores HERA. Central de alarme HR 4020 2 setores HERA Manual do Usuário 1 Índice: 1 Aplicação... 3 2 Características... 3 3 - Apresentação da Central... 3 3.1 - Parte externa... 3 3.2 - Parte interna... 4 4 - Diagramas

Leia mais

Manual de utilização do módulo NSE METH 3E4RL

Manual de utilização do módulo NSE METH 3E4RL INSTALAÇÃO 1 - Baixe o arquivo Software Configurador Ethernet disponível para download em www.nse.com.br/downloads-manuais e descompacte-o em qualquer pasta de sua preferência. 2 - Conecte a fonte 12Vcc/1A

Leia mais

MANUAL DE INSTALAÇÃO E OPERAÇÃO

MANUAL DE INSTALAÇÃO E OPERAÇÃO ETHERNET BOX MANUAL DE INSTALAÇÃO E OPERAÇÃO E.P.M. Tecnologia e Equipamentos Ltda. Av. Comendador Gumercindo Barranqueiros, 285 Jardim Samambaia - Jundiaí SP CEP: 13211-410 Telefone (0xx11) 4582-5533

Leia mais

Manual Placa DMX 4 pixels RGB

Manual Placa DMX 4 pixels RGB Manual Placa DMX 4 pixels RGB 2012 Lumikit Sistemas para Iluminação rev.2 16/10/2015 Lumikit Sistemas para Iluminação www.lumikit.com.br 1 SUMÁRIO 1. INTRODUÇÃO... 3 2. CONEXÕES DA PLACA... 4 3. DIMENSÕES

Leia mais

MANUAL DE INSTALAÇÃO E OPERAÇÃO. Central de Alarme Particionada

MANUAL DE INSTALAÇÃO E OPERAÇÃO. Central de Alarme Particionada MANUAL DE INSTALAÇÃO E OPERAÇÃO AP6 Central de Alarme Particionada www.compatec.com.br 2 www.compatec.com.br 3 4. Dimensões do produto... 5. Conhecendo o seu produto... 7 5.1 Conhecendo as funções da central...

Leia mais

Características... 3. Identificando a placa... 3. Esquema de ligação... 3. Parâmetros programados no painel de alarme... 4

Características... 3. Identificando a placa... 3. Esquema de ligação... 3. Parâmetros programados no painel de alarme... 4 P18640 - Rev. 0 Índice Características... 3 Identificando a placa... 3 Esquema de ligação... 3 Parâmetros programados no painel de alarme... 4 Instalação do software programador... 4 Instalação do cabo

Leia mais

Manual de instalação e operação

Manual de instalação e operação Manual de instalação e operação Central de alarme de incêndio endereçável INC 2000 Central de alarme de incêndio INC 2000 Parabéns, você acaba de adquirir um produto com a qualidade e segurança Engesul.

Leia mais

Hera Indústria de Equipamentos Eletrônicos LTDA. Manual de Instalação e Operação. Discadora por Celular HERA HR2048.

Hera Indústria de Equipamentos Eletrônicos LTDA. Manual de Instalação e Operação. Discadora por Celular HERA HR2048. Discadora por Celular HERA HR2048 Manual do Usuário Índice: Paginas: 1. Introdução 03 1.1 Visão Geral 03 2. Características 04 3. Funcionamento 04, 05 e 06 3.1 Mensagens 06 e 07 4. Instalação da Discadora

Leia mais

www.n7tecnologia.com.br e-mail: comercial@n7tecnologia.com.br

www.n7tecnologia.com.br e-mail: comercial@n7tecnologia.com.br SAFECELL INSTALAÇÃO E FUNCIONAMENTO Antes da instalação do equipamento, é importante que: 1) Seja verificado se o SIM CARD que será usado está habilitado e permite a realização de chamadas e também o envio

Leia mais

SP - 4000 PROTEGIDO CONTRA EMI MANUAL DE OPERAÇÃO

SP - 4000 PROTEGIDO CONTRA EMI MANUAL DE OPERAÇÃO SP - 4000 PROTEGIDO CONTRA EMI MANUAL DE OPERAÇÃO MANUAL OPERAÇÃO SP-4000 E.P.M. Tecnologia e Equipamentos Ltda. Avenida Comendador Gumercindo Barranqueiros, 285. Jardim Samambaia Jundiaí SP CEP - 13211-410

Leia mais

MANUAL SIMPLIFICADO COMANDO WT-P04

MANUAL SIMPLIFICADO COMANDO WT-P04 MANUAL SIMPLIFICADO COMANDO WT-P04 2 ÍNDICE 1. DESCRIÇÃO BÁSICA 3 1.1 COMPOSIÇÃO BÁSICA DO QUADRO DE COMANDO 3 1.2 PRECAUÇÕES TÉCNICAS 4 2. MENUS PARA MONITORAR O ELEVADOR 4 2.1 MENUS PARA AJUSTE DO ELEVADOR

Leia mais

CAE 80. Manual de Instruções. Revisão 4

CAE 80. Manual de Instruções. Revisão 4 CAE 80 Manual de Instruções Revisão 4 1. INTRODUÇÃO. Parabéns pela aquisição da central endereçável da ILUMAC, modelo CAE80, este equipamento será uma excelente ferramenta na proteção e prevenção contra

Leia mais

CONTROLE DE ACESSO Modelo PP-360/N

CONTROLE DE ACESSO Modelo PP-360/N CONTROLE DE ACESSO Modelo PP-360/N Imagem Ilustrativa Características: 1. Leitura de 125 khz do cartão de proximidade com o EM chip acoplado internamente para o modelo padrão. 2. Os parâmetros do sistema

Leia mais

CENTRAL DE ALARME BRISA 8 VOZ / BRISA 8 SINAL

CENTRAL DE ALARME BRISA 8 VOZ / BRISA 8 SINAL CENTRAL DE ALARME BRISA 8 VOZ / BRISA 8 SINAL CARACTERÍSTICAS BÁSICAS 8 Zonas programáveis sendo 4 mistas, ou seja, com fio e sem fio e 4 com fio; 1 senha mestre; 1 senha de usuário; Entrada para teclado

Leia mais

Manual de Instalação, Configuração e Uso

Manual de Instalação, Configuração e Uso Manual de Instalação, Configuração e Uso KEYPAD MACRO Para controle de cenas ou canais de qualquer módulo da rede Scenario-net Índice 1. Manual de Utilização... 2 1.1. Apresentação e identificação das

Leia mais

Sistema de Detecção de Vazamento de Gás

Sistema de Detecção de Vazamento de Gás Manual do Sistema Blockgas SB330 CB530 SB330 SB80 atende normas: NBR16186 de 06/2013 NBR16069 de 04/2010 NR 36 Apresentação do sistema: Composto por 3 módulos de equipamentos eletrônicos e 1 software de

Leia mais

Attack 1.35. Software de controle e Monitoração de amplificadores

Attack 1.35. Software de controle e Monitoração de amplificadores Attack 1.35 Software de controle e Monitoração de amplificadores 1 Índice 1 Hardware necessário:... 3 1.1 Requisitos do computador:... 3 1.2 Cabos e conectores:... 3 1.3 Adaptadores RS-232 USB:... 4 1.4

Leia mais

CATÁLOGO DE PRODUTOS. Sistemas de Alarme de Incêndio Wireless SISTEMAS DE SEGURANÇA

CATÁLOGO DE PRODUTOS. Sistemas de Alarme de Incêndio Wireless SISTEMAS DE SEGURANÇA CATÁLOGO DE PRODUTOS Sistemas de Alarme de Incêndio Wireless SISTEMAS DE SEGURANÇA 2 Deltafire Ltda. R. Pinheiro Machado, 3271 Caxias do Sul, RS Tel. 54 3204-4000 CEP 95020-172 www.deltafire.com.br Central

Leia mais

Hera Indústria de Equipamentos Eletrônicos LTDA Manual de Instalação e Operação DISCADORA VIA CELULAR. HERA HR 2050. Cel.

Hera Indústria de Equipamentos Eletrônicos LTDA Manual de Instalação e Operação DISCADORA VIA CELULAR. HERA HR 2050. Cel. DISCADORA VIA CELULAR HERA HR 2050. Cel Manual do Usuário ÍNDICE 1 Introdução 03 1.1 Visão Geral 03 1.2 Descrição 03 1.3 Funcionamento 04 1.4 Instalação do Receptor Acionador via cel. 05, 06 e 07 1.5 Configurando

Leia mais

CLIMATIZAÇÃO. Relação de Entradas e Saídas

CLIMATIZAÇÃO. Relação de Entradas e Saídas CLIMATIZAÇÃO O exemplo apresentado aqui controla um sistema que envolve bombas, torres, chillers e fan-coils para climatização ambiente para conforto térmico. Pode-se montar controles para sistemas dos

Leia mais

DIGIPROX SA200 VERSÃO DO MANUAL. 2.1 de 09/09/2014

DIGIPROX SA200 VERSÃO DO MANUAL. 2.1 de 09/09/2014 DIGIPROX SA200 VERSÃO DO MANUAL 6282 2.1 de 09/09/2014 Sumário 1. Apresentação... 4 2. Itens que Acompanham... 4 3. Especificações Técnicas... 4 4. Características Gerais... 5 5. Visão geral do Equipamento...

Leia mais

com tecnologia Bluetooth

com tecnologia Bluetooth com tecnologia Bluetooth MANUAL DO USUÁRIO DESCRIÇÃO O JFA Smart Control permite controlar à distância as funções básicas do player como mudança de música e pasta, volume, pause, play e power. Esse controle

Leia mais

MANUAL DO USUÁRIO CENTRAL MC 4D

MANUAL DO USUÁRIO CENTRAL MC 4D 12 Manual do Usuário Intrusos podem entrar em zonas sem proteção, ou ter sofisticação para isolar um sensor ou desconectar dispositivos de aviso de alarme; Central, detectores, sensores só funcionam quando

Leia mais

TECNOLOGIA EM SEGURANÇA SOLUÇÕES EM ELETRÔNICA

TECNOLOGIA EM SEGURANÇA SOLUÇÕES EM ELETRÔNICA TECNOLOGIA EM SEGURANÇA SOLUÇÕES EM ELETRÔNICA 3. CARACTERÍSTICAS 3.1 Central de alarme microprocessada com 4 setores expansível para 8 ou 12 setores; 3.2 Acompanha dois transmissores (mod. TSN); 3.3 Acionamento

Leia mais

Manual Placa DMX 10 pixels RGB

Manual Placa DMX 10 pixels RGB Manual Placa DMX 10 pixels RGB 2011 Lumikit Sistemas para Iluminação rev.0 26/08/2011 Lumikit Sistemas para Iluminação www.lumikit.com.br 1 SUMÁRIO 1. INTRODUÇÃO... 3 2. CONEXÕES DA PLACA... 4 3. DIMENSÕES

Leia mais

PAINEL DE ALARME GUIA DE INSTALAÇÃO

PAINEL DE ALARME GUIA DE INSTALAÇÃO PAINEL DE ALARME GUIA DE INSTALAÇÃO Active 20 GPRS Rev00 23/04/2009 1- CARACTERÍSTICAS GERAIS 8 Zonas duplas programáveis, mais 1 zona por teclado; 4 Teclados endereçáveis com programações independentes;

Leia mais

KVM CPU Switch 4 Portas Manual do Usuário

KVM CPU Switch 4 Portas Manual do Usuário P R E F Á C I O Este é um produto da marca GTS Network, que está sempre comprometida com o desenvolvimento de soluções inovadoras e de alta qualidade. Este manual descreve, objetivamente, como instalar

Leia mais

SENHA LIGHT VERSÃO DO MANUAL

SENHA LIGHT VERSÃO DO MANUAL SENHA LIGHT VERSÃO DO MANUAL 1.2. de 05/02/2013 7767 2 Sumário 1. Apresentação... 5 2. Itens que Acompanham... 5 3. Especificações Técnicas... 5 4. Características Gerais... 6 5. Visão geral do Equipamento...

Leia mais

Manual Utilização. Central Detecção Incêndio. JUNIOR-NET CSA v.4. Sistema Analógico Endereçável

Manual Utilização. Central Detecção Incêndio. JUNIOR-NET CSA v.4. Sistema Analógico Endereçável Manual Utilização Central Detecção Incêndio JUNIOR-NET CSA v.4 Sistema Analógico Endereçável Modelo com aprovação das normas EN54PT2 e PT4 1999 GFE 1/5 Legenda da Central: 1 33 32 2 3 31 30 4 10 5 29 28

Leia mais

EM398x-R1 UPS 600-1000-1600VA

EM398x-R1 UPS 600-1000-1600VA EM398x-R1 UPS 600-1000-1600VA EM398X-R1 - UPS 600-1000-1600VA 2 PORTUGUÊS Índice 1.0 Introdução... 2 1.1 Funções e funcionalidades... 2 1.2 Conteúdo da embalagem... 3 1.3 Ligar a UPS... 3 2.0 Software

Leia mais

Manual de Instalação. GPRS Universal

Manual de Instalação. GPRS Universal Manual de Instalação GPRS Universal INTRODUÇÃO O módulo GPRS Universal Pináculo é um conversor de comunicação que se conecta a qualquer painel de alarme monitorado que utilize o protocolo de comunicação

Leia mais

Manual de Instruções do Senha Light

Manual de Instruções do Senha Light Manual de Instruções do Senha Light 2 Sumário 1. Apresentação... 4 2. Especificações Técnicas... 4 3. Configuração do Sistema... 5 4. Esquema de Ligação... 5 4.1. Ligação da Fechadura Eletroímã... 6 4.1.1.

Leia mais

Apresentação...3. Vantagens...3. Instalação...4. Informações Técnicas...5. Especificações Técnicas...9

Apresentação...3. Vantagens...3. Instalação...4. Informações Técnicas...5. Especificações Técnicas...9 1 ÍNDICE Apresentação...3 Vantagens...3 Instalação...4 Informações Técnicas...5 Especificações Técnicas...9 2 APRESENTAÇÃO: O SS100 Moto é um rastreador exclusivo para Motos desenvolvido com os mais rígidos

Leia mais

TECLADO VIAWEB TOUCH

TECLADO VIAWEB TOUCH TECLADO VIAWEB TOUCH GUIA DE USUÁRIO V1.0 R1.00 Julho 2013 Teclado Touch - 1 2 - Guia do Usuário Teclado VIAWEB TOUCH Sumário INDICAÇÕES DO TECLADO...3 MENU DE PROGRAMAÇÃO...4 ACESSAR MENU...5 OPÇÕES PARA

Leia mais

Monitor de Rede Elétrica Som Maior Pro. Manual do Usuário Versão 3.9f

Monitor de Rede Elétrica Som Maior Pro. Manual do Usuário Versão 3.9f Monitor de Rede Elétrica Som Maior Pro Manual do Usuário Versão 3.9f 2 ÍNDICE PÁG. 1 APRESENTAÇÃO...03 2 DESCRIÇÃO DO EQUIPAMENTO...04 2.1 ROTINA INICIAL DE AVALIAÇÃO DA REDE ELÉTRICA...04 2.2 TROCA DE

Leia mais

PAINEL ELETRÔNICO PIVÔ

PAINEL ELETRÔNICO PIVÔ PAINEL ELETRÔNICO PIVÔ INTRODUÇÃO O MONITOR COMPUTADORIZADO PCI-100 foi desenvolvido através da parceria entre a Irrigabras irrigação do Brasil, empresa fabricante de Pivôs Central e Convencional e a Enalta

Leia mais

MANUAL SENHA DIGITAL SUMÁRIO:

MANUAL SENHA DIGITAL SUMÁRIO: SUMÁRIO: APRESENTAÇÃO... 02 1- RECOMENDAÇÕES IMPORTANTES... 02 2- DESEMBALANDO O CONTROLE DE ACESSO... 02 3- ESPECIFICAÇÕES TÉCNICAS... 02 4- COMO INSTALAR... 03 5- EXEMPLO DE POSICIONAMENTO DO CONTROLE

Leia mais

DIGIPROX SA202 VERSÃO DO MANUAL

DIGIPROX SA202 VERSÃO DO MANUAL DIGIPROX SA202 VERSÃO DO MANUAL 1.0 de 01/04/02013 8672 2 Sumário 1. Apresentação... 5 2. Itens que Acompanham... 5 3. Especificações Técnicas... 5 4. Características Gerais... 6 5. Visão Geral do Equipamento...

Leia mais

SISTEMA DE SEGURANÇA E AUTOMAÇÃO MANUAL - PAINEL DE INTERTRAVAMENTO

SISTEMA DE SEGURANÇA E AUTOMAÇÃO MANUAL - PAINEL DE INTERTRAVAMENTO SISTEMA DE SEGURANÇA E AUTOMAÇÃO MANUAL - PAINEL DE INTERTRAVAMENTO Índice PAINEL DE INTERTRAVAMENTO 2 1. Apresentação... 3 2. Características... 3 3. Equipamento... 3 4. Controladoras... 3 5. Visão Geral

Leia mais

Apresentação...3. Vantagens...3. Instalação...4. Informações Técnicas...5. Especificações Técnicas...8

Apresentação...3. Vantagens...3. Instalação...4. Informações Técnicas...5. Especificações Técnicas...8 1 ÍNDICE Apresentação...3 Vantagens...3 Instalação...4 Informações Técnicas...5 Especificações Técnicas......8 2 APRESENTAÇÃO: O SS100 é um rastreador desenvolvido com os mais rígidos padrões de qualidade

Leia mais

1 ANO de garantia. Westron ALW 803 I. MANUAL DO USUÁRIO MANUAL DO USUÁRIO E DO INSTALADOR CERTIFICADO DE GARANTIA 1. APRESENTAÇÃO

1 ANO de garantia. Westron ALW 803 I. MANUAL DO USUÁRIO MANUAL DO USUÁRIO E DO INSTALADOR CERTIFICADO DE GARANTIA 1. APRESENTAÇÃO A Central de Alarme inclui: Carregador de bateria integrado com controle de tensão e corrente. Eliminador de Bateria do celular com controle de tensão e corrente. Caixa de proteção com alojamento para

Leia mais

CRD300 Placa de Controle Remoto DTMF/Serial. Manual de Instalação e Operação. Versão 2.1 Revisão de Hardware D

CRD300 Placa de Controle Remoto DTMF/Serial. Manual de Instalação e Operação. Versão 2.1 Revisão de Hardware D CRD300 Placa de Controle Remoto DTMF/Serial Manual de Instalação e Operação Versão 2.1 Revisão de Hardware D Abril/2009 Indice Suporte Técnico... 01 Precauções... 01 Termo de Garantia... 01 Apresentação

Leia mais

TECNOLOGIA EM SEGURANÇA SOLUÇÕES EM ELETRÔNICA

TECNOLOGIA EM SEGURANÇA SOLUÇÕES EM ELETRÔNICA TECNOLOGIA EM SEGURANÇA SOLUÇÕES EM ELETRÔNICA 2. APRESENTAÇÃO DA PLACA 3. CARACTERÍSTICAS 3.1 Central de alarme microprocessada com 3 setores; 3.2 Acompanha dois transmissores (mod. TSN); 3.3 Freqüência

Leia mais

Global Security Network GSN Brasil. 1

Global Security Network GSN Brasil. 1 Global Security Network GSN Brasil. 1 Operação Básica O teclado Spectra 1689 e o Teclado 1641 (cristal liquido) funcionam da mesma maneira, Mas não oferecem a mesma visualização. Nesta seção veremos suas

Leia mais

ST4 PLUS. Central de alarme MANUAL DE INSTALAÇÃO E OPERAÇÃO A L A R M E S P A R A S U A S E G U R A N Ç A

ST4 PLUS. Central de alarme MANUAL DE INSTALAÇÃO E OPERAÇÃO A L A R M E S P A R A S U A S E G U R A N Ç A SERVIÇO DE ATENDIMENTO AO CLIENTE COMPATEC A L A R M E S P A R A S U A S E G U R A N Ç A MANUAL DE INSTALAÇÃO E OPERAÇÃO suporte@compatec.com.br fone:(54)4009 4711 Compatec Sistemas Eletrônicos Ltda Indústria

Leia mais

PAINEL DE ALARME ACTIVE 10 E 10 LITE

PAINEL DE ALARME ACTIVE 10 E 10 LITE PAINEL DE ALARME ACTIVE 0 E 0 LITE - FUNÇÕES BÁSICAS. VISUALIZAÇÃO DOS PROBLEMAS NO SISTEMA Para visualizar os problemas, pressione a tecla P por segundos. O led SISTEMA começa a piscar, continue pressionando

Leia mais

Central de alarme Ventura GSM

Central de alarme Ventura GSM Central de alarme Ventura GSM Manual do Usuário 1 Índice: 1 Aplicação:... 3 2 Características:... 3 3 Características de funcionamento... 3 4- Apresentação da Central... 4 4.1 Parte externa... 4 4.2 Parte

Leia mais

MANUAL DE INSTRUÇÃO KIT ALARM. www.kitfrigor.com.br Fone: 0XX11 5033-5656

MANUAL DE INSTRUÇÃO KIT ALARM. www.kitfrigor.com.br Fone: 0XX11 5033-5656 MANUAL DE INSTRUÇÃO KIT ALARM www.kitfrigor.com.br Fone: 0XX11 5033-5656 ÍNDICE 1 - INTRODUÇÃO... 3 2 - CARACTERÍSTICAS TÉCNICAS... 4 3 INSTALAÇÃO... 5 4 - OPERAÇÃO... 6 5 SIMBOLOGIA... 7 6 LIMPEZA...

Leia mais

Índice. 1. Características técnicas

Índice. 1. Características técnicas Termo de garantia A ELETROPPAR - Indústria Eletrônica Ltda., localizada na rua Carlos Ferrari nº 2651, Distrito Industrial, Garça/SP, CEP 17400-000, CNPJ 02.748.434/0001-08, IE 315.026.341.111 garante

Leia mais

Placa Acessório Modem Impacta

Placa Acessório Modem Impacta manual do usuário Placa Acessório Modem Impacta Parabéns, você acaba de adquirir um produto com a qualidade e segurança Intelbras. A Placa Modem é um acessório que poderá ser utilizado em todas as centrais

Leia mais

DIGIPROX VERSÃO DO MANUAL

DIGIPROX VERSÃO DO MANUAL DIGIPROX VERSÃO DO MANUAL 1.1 de 22/02/2013 6282 2 Sumário 1. Apresentação... 5 2. Itens que Acompanham... 5 3. Especificações Técnicas... 5 4. Características Gerais... 6 5. Visão geral do Equipamento...

Leia mais

PAINEL DE ALARME VERSÃO 01

PAINEL DE ALARME VERSÃO 01 PAINEL DE ALARME VERSÃO 01 1. CARACTERÍSTICAS GERAIS 8 Zonas duplas programáveis, mais 1 zona por teclado; 4 Teclados endereçáveis com programações independentes; 95 usuários, 3 usuários temporários, além

Leia mais

www.sulton.com.br 1. Apresentação do Tele Alarme Tom e Pulso

www.sulton.com.br 1. Apresentação do Tele Alarme Tom e Pulso 1. Apresentação do Tele Alarme Tom e Pulso Equipamento desenvolvido a fim de realizar automaticamente discagens telefônicas para aviso de alarme. Podendo ser implementado praticamente à todos os sistema

Leia mais

MANUAL DE SERVIÇO. Anunciador de Alarmes ANTRON II-s

MANUAL DE SERVIÇO. Anunciador de Alarmes ANTRON II-s MANUAL DE SERVIÇO Anunciador de Alarmes ANTRON II-s Revisão Histórica Informação sobre índice de documentação, revisão e correções efetuadas. Item Data Comentários Elaborador Revisor 01 10/03/08 Versão

Leia mais

Henry Equipamentos Eletrônicos e Sistemas Ltda.

Henry Equipamentos Eletrônicos e Sistemas Ltda. Manual do equipamento Henry Equipamentos Eletrônicos e Sistemas Ltda. +55 41 3661-0100 Rua Rio Piquiri, 400 - Jardim Weissópolis - Pinhais/PR - Brasil CEP: 83322-010 CNPJ: 01.245.055/0001-24 Inscrição

Leia mais

Termo de Garantia. Extinção da Garantia

Termo de Garantia. Extinção da Garantia OBS IMPORTANTE: Você esta adquirindo um produto de segurança. Verifique com o Engenheiro responsável da obra, se ele atende as necessidades para o local onde será Instalado, pois todo o equipamento de

Leia mais

Guia de Instalação Rápida PLC KL320. Keylogix, abrindo portas para a automação industrial. KEYLOGIX

Guia de Instalação Rápida PLC KL320. Keylogix, abrindo portas para a automação industrial. KEYLOGIX Guia de Instalação Rápida PLC KL320 Keylogix, abrindo portas para a automação industrial. KEYLOGIX 1. Cuidados Iniciais Prezado cliente, você está recebendo o PLC KL320, um Controlador Lógico Programável,

Leia mais

5. Operação. 5.1. Reconhecimento do alarme. 5.2. Temporizador de disparo das saídas. 5.3. Reinicialização do sistema de alarme

5. Operação. 5.1. Reconhecimento do alarme. 5.2. Temporizador de disparo das saídas. 5.3. Reinicialização do sistema de alarme 5. Operação 5.1. Reconhecimento do alarme Obs.: pressione a tecla Reinicia Sirene (interna) para silenciar o bip interno. Siga os procedimentos internos de segurança. O alarme geral pode ser acionado a

Leia mais

. 0 ev P15977 - R 12 1

. 0 ev P15977 - R 12 1 12 1 P15977 - Rev. 0 Parabéns! Você acaba de adquirir o seu sistema de alarme INFINIT! ÍNDICE Ele será uma excelente ferramenta de apoio para você garantir a segurança do seu estabelecimento industrial,

Leia mais

R3M. Saída da antena. Teclas de setor. Teclas de aprendizagem. Teclado do Tele Alarme (opcional) Gabinete metálico com espaço para bateria

R3M. Saída da antena. Teclas de setor. Teclas de aprendizagem. Teclado do Tele Alarme (opcional) Gabinete metálico com espaço para bateria 47 R3M CENTRAL DE ALARME 3 SETORES MICROPROCESSADA Aplicação - Usada como central de alarme residencial, comercial ou industrial. Saída da antena APRESENTAÇÃO DA CENTRAL Teclas de setor Teclas de aprendizagem

Leia mais

STOPSAT 02. Índice. Revisão 01/10/2003

STOPSAT 02. Índice. Revisão 01/10/2003 Revisão 01/10/2003 TECMORE AUTOMAÇÃO COMÉRCIO LTDA Rua Marechal Deodoro, 2709-Centro São Carlos-SP CEP 13.560-201 Tel (16) 274-3885 / Fax (16) 274-7300 www.tecmore.com.br STOPSAT 02 Índice 1 Descrição

Leia mais

GPRS Universal. Manual do Instalador. C209994 - Rev 0

GPRS Universal. Manual do Instalador. C209994 - Rev 0 GPRS Universal Manual do Instalador C209994 - Rev 0 » Introdução: Antes da instalação deste produto, recomendamos a leitura deste manual, que contém todas as informações necessárias para a correta instalação

Leia mais

!"#$%"&'("%)*&+$%,#-.") /-.%"0%".+11'(")!23456*)

!#$%&'(%)*&+$%,#-.) /-.%0%.+11'()!23456*) !"#$%"&'("%)*&+$%,#-.") /-.%"0%".+11'(")!23456*) Apresentação Dados técnicos Interface Homem-Máquina Descrição Funcional Apêndices 1 Apresentação O Controlador CDL035E foi especialmente projetado para

Leia mais

Manual de Instalação, Configuração e Uso

Manual de Instalação, Configuração e Uso Manual de Instalação, Configuração e Uso Classic RDM8-AC RDM8-DC 127 V e 220 V 2008 Índice 1 Manual de Utilização... 2 1.1 Apresentação do Painel e identificação das teclas... 2 1.2 Modos de operação do

Leia mais

Vid8 Servidor. Correção da conexão com o GME, quando placa VP-1616F com 32 canais; Correção da conexão com o GME, quando configurado em modo DVR;

Vid8 Servidor. Correção da conexão com o GME, quando placa VP-1616F com 32 canais; Correção da conexão com o GME, quando configurado em modo DVR; Vid8 Servidor Versão 8.13.0411 Correção da conexão com o GME, quando placa VP-1616F com 32 canais; Versão 8.12.0311 Correção da conexão com o GME, quando configurado em modo DVR; Versão 8.11.0311 Correção

Leia mais

SUPERVISOR ELETRÔNICO PARA POSTOS DE SEGURANÇA RCP-2000 MANUAL DE INSTALAÇÃO / OPERAÇÃO REV. 08/01

SUPERVISOR ELETRÔNICO PARA POSTOS DE SEGURANÇA RCP-2000 MANUAL DE INSTALAÇÃO / OPERAÇÃO REV. 08/01 SUPERVISOR ELETRÔNICO PARA POSTOS DE SEGURANÇA RCP-2000 MANUAL DE INSTALAÇÃO / OPERAÇÃO REV. 08/01 SUMÁRIO CONTROLADOR DE PORTARIA RCP-2000...1 A) O EQUIPAMENTO RCP-2000... 1 A.1 CARACTERÍSTICAS TÉCNICAS...

Leia mais

Software RedeMB5 Manual do Usuário (Ver. 2)

Software RedeMB5 Manual do Usuário (Ver. 2) Manual do Usuário (Ver. 2) 1. Introdução O software RedeMB5 é uma ferramenta que permite monitorar em tempo real 247 medidores de energia ou multitransdutores digitais KRON em uma rede padrão RS-485 com

Leia mais

Acionamento através de senha*, cartão de proximidade ou biometria. Compatível com fechaduras magnéticas, eletroímãs e cancelas.

Acionamento através de senha*, cartão de proximidade ou biometria. Compatível com fechaduras magnéticas, eletroímãs e cancelas. 1/8 SISTEMA ZIGLOCK TCP Visão Geral: Instalação e configuração simplificada. Alta capacidade de armazenamento de registros e usuários. Acionamento através de senha*, cartão de proximidade ou biometria.

Leia mais

Comm5 Tecnologia Manual de utilização da família MI. Manual de Utilização. Família MI

Comm5 Tecnologia Manual de utilização da família MI. Manual de Utilização. Família MI Manual de Utilização Família MI ÍNDICE 1.0 COMO LIGAR O MÓDULO... pág 03 e 04 2.0 OBJETIVO... pág 05 3.0 COMO CONFIGURAR O MÓDULO MI... pág 06, 07, 08 e 09 4.0 COMO TESTAR A REDE... pág 10 5.0 COMO CONFIGURAR

Leia mais

II Torneio de Programação em LabVIEW

II Torneio de Programação em LabVIEW Desenvolvimento da Aplicação II Torneio de Programação em LabVIEW Seção I: Requisitos Gerais A aplicação submetida deverá atender, pelo menos, às exigências de funcionamento descritas na Seção II deste

Leia mais

Central Monitorada CAM 816

Central Monitorada CAM 816 MANUAL DE INSTALAÇÃO E OPERAÇÃO Central Monitorada CAM 816 www.compatec.com.br Índice 1.Apresentação... 2.Características Gerais....Características Técnicas... 4 4.Status de Bips... 4 5.Status de Bips

Leia mais

Manual de Instruções Controladora Básica

Manual de Instruções Controladora Básica Manual de Instruções Controladora Básica 2 Sumário 1. Apresentação... 5 2. Recomendações Importantes... 5 3. Especificações Técnicas... 6 4. Configuração do Sistema... 6 5. Esquema de Ligação... 7 5.1.

Leia mais

Manual de utilização do módulo NSE METH-8RL/Exp

Manual de utilização do módulo NSE METH-8RL/Exp INSTALAÇÃO 1 - Baixe o arquivo Software Configurador Ethernet disponível para download em www.nse.com.br/downloads-manuais e descompacte-o em qualquer pasta de sua preferência. 2 - Conecte a fonte 12Vcc/1A

Leia mais

Discador Celular D-Cell

Discador Celular D-Cell Discador Celular D-Cell Guia rápido de programação O discador celular D-Cell fornece um sistema seguro de comunicação entre o seu equipamento de alarme e você. Utiliza a infraestrutura de telefonia móvel

Leia mais

Controladora CT370 Manual Versão 3.2 Revisão 0 Outubro/2014

Controladora CT370 Manual Versão 3.2 Revisão 0 Outubro/2014 Controladora CT370 Manual Versão 3.2 Revisão 0 Outubro/2014 Sumário 1. Apresentação... 4 2. Itens que Acompanham... 4 3. Especificações Técnicas... 4 4. Características Gerais... 5 5. Visão Geral do Equipamento...

Leia mais

MANUAL DE INSTALAÇÃO E OPERAÇÃO. Central de Alarme Particionada AP4/AP4 D

MANUAL DE INSTALAÇÃO E OPERAÇÃO. Central de Alarme Particionada AP4/AP4 D MANUAL DE INSTALAÇÃO E OPERAÇÃO Central de Alarme Particionada AP/AP D Índice 1.Apresentação... 2.Características... 3.Características Técnicas... 5.Status de Bips... 5 5.Status dos Led s... 5 6.Conhecendo

Leia mais

DataQuest. Soluções para Controle de Acesso. DataMini. Manual Técnico Software Ver. 1.0

DataQuest. Soluções para Controle de Acesso. DataMini. Manual Técnico Software Ver. 1.0 DataQuest Soluções para Controle de Acesso DataMini Manual Técnico Software Ver. 1.0 DataQuest DataQuest Comércio e Consultoria Ltda. Av. Dr. Guilherme Dumont Villares, n 1050 Sala 11 Vila Suzana - São

Leia mais