WTr Web Trading BM&F. Manual do Investidor

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "WTr Web Trading BM&F. Manual do Investidor"

Transcrição

1 WTr Web Trading BM&F Manual do Investidor Versão /09/2005

2 Índice 1. Introdução Funcionalidades Home Page Objetivo Funcionalidades Dados do participante Limites Links BM&F Banner Gerenciamento de Ofertas Portifólio Pregão Cotação Rápida Objetivo Funcionalidade Instrumento Dados de Acompanhamento de Mercado Enviar Ordem Gerenciamento de OFERTAS Demonstrativos Saldo em Conta Corrente Objetivo Resumo Financeiro Objetivo Funcionalidade Lançamentos Financeiros Objetivo Funcionalidade Demonstrativo Financeiro Objetivo Consulta de Garantias Objetivo Posições Controle de Posições Objetivo Funcionalidades Negociações Enviar Ordens Objetivo Funcionamento Envio de ofertas utilizando o menu principal Reespecificar Ordens Objetivo Funcionalidade Negócios do Dia Objetivo Funcionamento Histórico de Ordens Objetivo Funcionamento Contingência...37

3 Funcionamento Acompanhamento de Mercado Portfólio Objetivo Funcionalidade de criação de portfólio tela de pesquisa de instrumentos em todo o site...42 ALTERAÇÔES NESTE DOCUMENTO: Este ícone indica as atualizações que foram realizadas em atendimento ao modelo de ampliação do conjunto de ativos aceitos em garantia. Este ícone indica novas funcionalidades e recursos.

4 1. Introdução Versão WTr Web Trading BM&F Introdução Temos como objetivo deste documento fornecer todas as informações necessárias aos usuários da instituição para administrar os recursos de sistemas disponíveis na BM&F. O presente manual descreve as funcionalidades do Sistema de Negociação WTr ( Web Trading BM&F). Este sistema tem por objetivo permitir aos investidores das Instituições a negociação dos Intrumentos autorizados a esta canal de negociação e a visualização analítica de seus lançamentos financeiros, de uma determinada data ou período. UTILIZAÇÃO DO MANUAL O sistema possui interfaces amigáveis para negociação e filtros que permitem o acompanhamento financeiro e de posições. WTr Negociação Página 4 de 42

5 WTr Web Trading BM&F Introdução Para efeitos didáticos, os itens explicativos serão apresentados em forma de símbolos, que se memorizados os seus respectivos significados, a consulta ao manual poderá ser feita com mais rapidez. São eles: Campos gerados automaticamente pelo sistema, permitindo ou não alteração; Campos de preenchimento obrigatório; Campos de preenchimento opcional; Estes campos são previamente cadastrados pelo administrador. Por isso, o usuário deverá apenas selecionar um dos itens de uma lista, que será apresentada no momento em que o usuário clicar no botão que se encontrará no próprio campo; Nas páginas de cadastro e consulta o preenchimento de alguns itens implicarão em uma pesquisa ou em um cadastro prévio que se dará por meio deste botão; Este botão, quando presente, será utilizado para auxiliar o preenchimento de campos de datas. Quando acionado, fornecerá ao usuário um calendário pelo qual será feita a seleção da data desejada e, após a seleção, o campo será automaticamente preenchido com a data selecionada; A Imagem ao lado indica a exibição de uma tela da aplicação que tem um considerável espaço em branco que propositalmente foi omitido no exemplo contido neste manual; Esta imagem indica a exibição de um caminho que deverá ser seguido pelo usuário no menu do sistema para ativar uma determinada tela. Todas as páginas que compõe o Sistema foram criadas com a intenção de facilitar e agilizar o trabalho do usuário. WTr Negociação Página 5 de 42

6 2. Funcionalidades 2.1. Home Page https://wtr.bmf.com.br Objetivo Disponibilizar em uma mesma tela as principais informações sobre o mercado. Todas as informações referenciadas como difusão de cotação e publicação de ofertas e negócios são atualizadas em tempo real, sem a necessidade de atualizar o site. WTr Negociação Página 6 de 42

7 Funcionalidades Dados do participante Tem à sua disposição o Nome, login e cadastrados na BM&F Limites Mostra o saldo para cada conta do investidor e o limite disponível para negociação Links BM&F Faz referência para o site da BM&F em assuntos correlatos a negociação dos Mini-Contratos Banner Faz referência ao modelo de ampliação do conjunto de ativos aceitos em garantia, direciona o usuário para o site institucional do WTr, onde lá podem ser encontrados maiores detalhes sobre este modelo Gerenciamento de Ofertas Mostra ao investidor todas as ofertas pendentes disponíveis para o investidor, indepentemente do canal de negociação, que a oferta foi registrada Portifólio Mostra ao investidor o portifolio teórico especificado pelo investidor, e marcado como portifólio padrão, atualizado em tempo real. Ao selecionar os botões C ou V será possível enviar uma oferta preenchendo a tela de envio de ofertas automaticamente Pregão Coloca a disposição do investidor os instrumentos mais negociados no qual o investidor tem acesso. Disponibiliza do estado do intrumento no pregão, como por exemplo negociação e leilão. WTr Negociação Página 7 de 42

8 2.2. Cotação Rápida Home Page menu superior esquerdo Cotações WTr Negociação Página 8 de 42

9 Objetivo Fornecer ao investidor uma ferramenta de acompanhamento de mercado de acesso rápido e com informações de mercado consolidado em tempo real Funcionalidade Todas as informações de book e gerenciamento de ofertas são atualizadas em tempo real com a negociação Instrumento Ao digitar um instrumento e confirmar selecionando o botão OK será apresentada a informação on-line do instrumento requisitado, caso o investidor tenha permissão de consulta Dados de Acompanhamento de Mercado Ult.Neg. = Último Negócio Osc. = Oscilação do último negócio com relação o fechamento anterior. Data/Hora = Data / Hora do último negócio Lote Padrão = quantidade mínima de contratos negociáveis. Todas as ofertas devem ser colocadas em múltiplos deste valor. Fator de Cotação = Fator para encontrar o valor de cotação para 1 lote negociável. Melhores ofertas de Compra e Venda = Disponibiliza a quantidade e o preço das melhores ofertas no BOOK de Ofertas. Preço Máximo = É o maior preço negociado no dia Preço Mínimo = É o menor preço negociado no dia Abertura = é o valor do primeiro negócio do dia Fechamento Anterior = é o valor do último negócio do pregão anterior Negócios = número total de negócios no dia. Quantidade = Quantidade total de contratos negociados. Representa a soma das quantidades negociadas. Oscilação mínima = valor mínimo do instrumento aceito no pregão eletrônico. Oscilação máxima = valor máximo do instrumento aceito no pregão eletrônico. Tendência = Representa a comparação do último negócio do intrumento comparado com o penúltimo negócio. Podera fornecer as informações de igual, alta ou baixa. Estado = Disponibiliza do estado do intrumento no pregão, como por exemplo negociação e leilão. WTr Negociação Página 9 de 42

10 Ofertas = Representam o Book de ofertas do pregão eletrônico, onde são mostradas as 5 melhores ofertas de compra e venda indicando a corretora, quantidade e preço Enviar Ordem O investidor deverá escolher a opção de comprar ou vender e com base nas informações de mercado o investidor deverá definir a quantidade, preço e a conta disponível na corretora. O sistema irá resgatar automaticamente o saldo disponível a negociação antes do envio da oferta para validar a diponibilidade de garantias para a operação. Ao selecionar comprar ou vender a oferta será submetida as regras de validação e risco e enviada a pregão. Para cancelar todas as ofertas em aberto para o instrumento escolhido, basta selecionar o link cancelar Todas nesta mesma página Gerenciamento de OFERTAS A OPÇÃO SOMENTE ofertas pendentes se estiver habilitada mostrará todas as ofertas aceitas filtrada pelo instrumento. Caso esta opção esteja desabilitada será fornecido todas os Status de todas as ofertas, filtrada pelo instrumento pesquisado. WTr Negociação Página 10 de 42

11 2.3. Demonstrativos Menu BM&F Demonstrativos Cabeçalho Geral: Em todas as páginas teremos as informações: Conta = Contas disponíveis para o usuário na Instituição. CC indica conta corrente e CI conta de investimento. Data = Data + Hora do carregamento da tela Titular = Investidor autenticado no sistema WTr. WTr Negociação Página 11 de 42

12 Saldo em Conta Corrente Menu BM&F Demonstrativos / Saldo A conta do investidor é separada em 2 partes Conta para Negociação e Gerenciamento de Risco Objetivo Disponibilizar de forma resumida o saldo do investidor com seus principais elementos. WTr Negociação Página 12 de 42

13 CONTA NEGOCIAÇÃO (A) - Saldo em garantias D-1 = Mostra o saldo em garantias do investidor no dia anterior. (B) - Lançamentos em D+0 = Demonstra o valor referente a valorização das garantias depositadas na BM&F. (C) Bloqueios de Risco: Margem, Liquidação Futura e Outros. Bloqueio outros representa o percenual da margem inicial apropriada pelo risco, bloqueada para o saque somado ao netting das operações em D+1 (somente quando for negativo). (D) Saldo em garantias disponível para resgate, representa o valor disponível para saque, que não está bloqueado para garantir operações. Não leva em consideração os créditos provisórios e exposição corrente credor originados de Marcação a Mercado. GERENCIAMENTO DE RISCO (A) Limite Operacional = é o saldo disponível do investidor para negociar, leva em consideração todos os lançamentos, inclusive a exposição corrente credora. (B) Margem inicial = é o marco inicial para o limite mínimo que uma conta deve possuir para negociar os mini contratos na BM&F. (C) - Margem de manutenção = é o valor limite que a BM&F permite a negociação, a partir deste limite, o investidor não poderá abrir novas posições que comprometam o seu limite, será permitido a colocação de ofertas que diminuam a exposição do investidor. Atingindo este limite o investidor deverá efetuar o depósito no valor indicado como recompoição. (D) - Valor de Recomposição = Quando exibido, indica o valor mínimo a ser depositado pelo investidor para que possa zerar a exposição corrente. WTr Negociação Página 13 de 42

14 Resumo Financeiro Menu BM&F Demonstrativo / Resumo Objetivo Demonstrar Graficamente a posição financeira do investidor com relação ao risco e alocação do lançamento na conta do investidor. WTr Negociação Página 14 de 42

15 Funcionalidade Saldo da Conta Garantias WTR Saldo da conta Garantias WTR = é o total de ativos disponível do investidor em garantias para negociar ou resgatar. Leva em consideração também a exposição corrente credora. Bloqueios = Bloqueio por margem + Liquidação futura ou exposição corrente + Bloqueios outros Gerenciamento de Risco Importante: Mostra em reais a ocupação da conta NEGOCIAÇÃO do investidor. Quando o Limite Neg. atingir a Margem de manutenção, aparecerá na coluna contendo o valor para recomposição da margem inicial. WTr Negociação Página 15 de 42

16 Lançamentos Financeiros Menu BM&F Demonstrativo / Extrato de Movimentação Objetivo Fornecer ao Investidor a listagem dos lançamentos financeiros em suas contas Funcionalidade Pesquisa. Por conta habilitada na corretora WTr Negociação Página 16 de 42

17 Por período De hoje até 90 dias corridos Os lançamentos estão ordenados por data de efetivação do lançamento. A tela demonstra a posição dia a dia do investidor com a movimntação da conta em garantias. WTr Negociação Página 17 de 42

18 Demonstrativo Financeiro Menu BM&F / Demonstrativo / Financeiro Objetivo Demonstrar separadamente da nota de correagem referentes aos contratos negociados no WTr Funcionalidade Nos detalhes serão informados o nome da corretora, nome do Investidor, conta do investidor na corretora e data do movimento. No resumo por tipo de lançamento mostramos a somatória de todos os ajustes. Ao selecionar o tipo de lançamento, é mostrado como destaque nas abas que demonstram o detalhamento dos lançamentos agrupados por instrumento negociado. WTr Negociação Página 18 de 42

19 Consulta de Garantias Menu BM&F / Demonstrativo / Consulta de Garantias Objetivo Demonstrar todos os valores depositados e já aceitos em garantias com a finalidade WTR. WTr Negociação Página 19 de 42

20 2.4.Posições Controle de Posições Menu BM&F / Posições / Controle de Posições Objetivo Demonstrar ao investidor historicamente as suas posições agrupadas por instrumentos Funcionalidades POSIÇÃO ANTERIOR = mostra a posição do investidor com relação ao pregão anterior a data de efetivação. NEGOCIAÇÃO NORMAL = Mostra a posição comprada (C) ou vendida (V) do instrumento selecionado NEGOCIAÇÃO DAY TRADE = Mostra a quantidade de lotes negociados em day-trade. WTr Negociação Página 20 de 42

21 POSIÇÃO ATUAL = É a posição anterior somada a negociação normal. Ao selecionar o link que contém o indicador, o investidor terá a representação gráfica histórica da evolução da sua posição no instrumento selecionado. Em verde encontram-se as negociações normais que podem ser de compra ou venda, e as de day-trade. WTr Negociação Página 21 de 42

22 2.5. Negociações Enviar Ordens Menu BM&F / Negociações / Enviar Ordens Objetivo Disponibilizar a investidor interface para envio de ofertas de compra e venda Funcionamento A tela de envio de ofertas permite que o investidor tenha todas as principais informações sobre a sua conta na Instituição e as principais informações sobre o instrumento negociado. WTr Negociação Página 22 de 42

23 Pesquisa = Ao digitar o código de negociação do investidor, o sistema irá trazer as informações de Mercadoria, mercado e Vencimento. Preenchendo os dados de ultimo negócio, melhor oferta de compra e venda, oscilação máxima e minima, lote padrão, fator de cotação e variação mínima de preço. Conta = Traz as contas que o investidor possuir na Instituição. Ao selecionar a conta desejada, o sistema trará a quantidade máxima permitida por oferta (Qtde Máx. por Oferta) o saldo em reais disponível a negociação e as informações de risco representadas pela barra progressiva. Quantidade = valor especificado pelo Investidor limitado pelo campo Qtde Máx. por Oferta. Preço = Preço limite especificado pelo Investidor. Todas as ordens colocadas pelo investidor são do tipo LIMITADA. Ao selecionar o botão comprar ou vender, o investidor passará para a tela de confirmação de oferta. Disponibilizamos as informações: Quantidade máxima por oferta: é a quantidade máxima que o investidor pode enviar para um determinado instrumento. Informação esa estipulada pela corretora e limitada pela BM&F. Saldo disponível para negociação = valor calculado em função da situação do investidor. Bloqueio por margem = mostra os valores bloqueados pelo risco. Recomposição = estará disponivel o valor para recomposição assim que o investidor aingir a margem de manutenção. Ao selecionar o item Livro de ofertas o sistema mostra as dez melhores oferas de compra e venda ordenadas por preço. WTr Negociação Página 23 de 42

24 Ao selecionar a quantidade ou o preço do book de ofertas será preenchida automaticamente a tela de envio de ofertas. Selecionando a quantidade na posição 1, será preenchida a oferta com quantidade = 10 e preço = 62,00. Ao selecionar a quantidade na posição 2 será preenchida a oferta com quantidade = 100 e preço = 62,00. Selecionando o preço na posição 1 ou 2, sera preenchida a respeciva quantidade e preço, sem efetivar a somatória. WTr Negociação Página 24 de 42

25 Nesta tela o investidor pode confirmar o envio da oferta selecionando o botão comprar / Vender. WTr Negociação Página 25 de 42

26 Nesta tela o Investidor tem a sua disposição às informações: Nº Da Ordem = número da oferta no sistema de negociação. Data da emissão = data de colocação da oferta. Número da conta = código do investidor na corretora C/V = Compra ou Venda Instrumento = Mercado, mercadoria e Vencimento negociado. Validade = Validade da oferta. O sistema aceita ofertas apenas com validade para o mesmo dia. Quantidade = quantidade de papeis especificados pelo investidor. Preço= É o preço especificado pelo Investidor. Histórico de Status = Mostra ao Investidor todos os eventos ocorridos no processo de envio de ofertas. O ícone, indica a Copiar Oferta. Sigifica que ao selecionar esta opção a tela de envio de ofertas será preenchida com os mesmos dados da oferta colocada. Esta tela é recarregada automaticamente a cada 10 segundos. Ao selecionar o número da ordem, será exibida a tela de Detalhe da Oferta. WTr Negociação Página 26 de 42

27 Envio de ofertas utilizando o menu principal. No menu superior ao selecionar a opção e tivermos o campo de cotação preenchido, será preenchido a tela de envio de ofertas conforme a tela de exemplo abaixo relacionada. WTr Negociação Página 27 de 42

28 Reespecificar Ordens Menu BM&F / Negociações / Gerenciamento de Ofertas Objetivo Permitir a reespecificação e cancelamento de uma oferta já colocada em pregão Funcionalidade Nesta tela o investidor pode acompanhar as ofertas que estão pendentes e/ou parcialmente negociadas observando o campo QTD Negociada e Preço negociado. Esta informação é atualizada on-line, sem a necessidade de recarregar a tela. Ao escolher uma oferta e selecionar o botão editar acesso a tela para reespecificar a oferta., o investidor obterá WTr Negociação Página 28 de 42

29 Nesta tela o investidor pode editar a quantidade e ou preço. Ao selecionar o botão confirmar a oferta será enviada a pregão novamente. Notas: 1) Para cada oferta modificada são refeitas as validações de limites e análise de risco. 2) Modificações de preço e aumento de quantidade alteram a posição da oferta no book de ofertas. 3) Caso a opção do investidor for a de alterar a quantidade, a oferta no livro de ofertas não mudará de posicionamento. É importante lembrar que será enviado ao servidor exatamente a quantidede e o preço especificado na tela. 4) Caso a opção do investidor for a de alterar o preço, a oferta no livro de ofertas mudará de posicionamento. WTr Negociação Página 29 de 42

30 CANCELAMENTO DE OFERTAS Para o Cancelamento de ofertas, o investidor deve selecionar as ofertas que deseja cancelar, digitar a senha de acesso e selecionar o botão Cancelar Ordem. A Oferta permanece na lista de negociação pendente enquanto não for totalmente negociada ou cancelada. A oferta é parcialmente cancelada quando parte já foi negociada, e totalmente cancelada quando não houve nenhum negócio em pregão. Ao selecionar o código da oferta, mostra a tela de detalhe da oferta. NOTA: 1) Todas as ofertas não executadas srão canceladas automaticamente pela BM&F no encerramento do pregão. 2) Caberá ao investidor recoloca-las no inicio do próximo pregão. WTr Negociação Página 30 de 42

31 Em Identificação da ordem temos: Data = Data da negociação Número = Identificador na oferta / negócio no sistema eletrônico. Em Informações do Instrumento temos: Instrumento = Código de negociação do Instrumento Vencimento = Vencimento do instrumento Mercadoria = Indica a mercadoria do instrumento negociado Mercado = Indica o Mercado do Instrumento negociado. Em Informações da Ordem temos: Operação = compra ou venda Validade = somente no dia Quantidade = quantidade total especificada pelo investidor Preço Limite = Preço especificado pelo Investidor. Origem = canal de origem da oferta Conta destino = Código fantasia da conta do investidor que colocou a oferta. Em Informações da Oferta temos: Numero da Oferta no pregão Preço médio de EXECUÇÃO = fornecido pelo sistema eletrônico de negociação Quantidade Executada = quantidade executada deve ser menor ou igual à quantidade limite. Quantidade Executada Cancelada = quando houver um cancelamento parcial da oferta. Número de Execuções = total das parciais fechadas. Número de Execuções canceladas = quando houver cancelamento parcial. Quantidade restante = é sempre menor ou igual a quantidade total especificada na oferta Último status da ordem = Descrição do status da oferta. Em Histórico da ordem: WTr Negociação Página 31 de 42

32 Instante = data e hora dos eventos ocorridos na oferta. Código = código do status da oferta Descrição = Descrição do status. Lista de Execuções: Mostra as parciais e a contraparte do negócio efetuado. Instante da execução = Data e Hora do evento. Número do negócio = Seqüencial interno do sistema de negociação para o fechamento das ofertas parciais. Qtde. Negociada = Quantidade negociada com a contraparte. Preço Negociado = Preço negociado com a Contraparte. Contraparte = Código da corretora contraparte. O ícone, indica a Copiar Oferta. Sigifica que ao selecionar esta opção a tela de envio de ofertas será preenchida com os mesmos dados da oferta colocada. WTr Negociação Página 32 de 42

33 Negócios do Dia Menu BM&F / Negociações / Negócios do Dia Objetivo Disponibilizar ao Investidor todos os negócios executados do dia e posição anterior, objetivando mostrar a posição instantânea do investidor Funcionamento Pagina para consulta. Mostra as informações agrupadas por instrumento. Podemos observar neste detalhe a posição de compra ou venda do invesidor com relação as negociações no dia anterior. Ao selecionar na hora do negócio o investidor terá acesso ao detalhe da oferta. WTr Negociação Página 33 de 42

34 Ao selecionar a Hora, será redirecionado para a tela de detalhe da oferta. WTr Negociação Página 34 de 42

35 Histórico de Ordens Menu BM&F / Negociações / Histórico de Ordens Objetivo Fornecer ao investidor o histórico das ofertas que foram registradas pelo Investidor, independente do canal de negociação utilizado. WTr Negociação Página 35 de 42

36 Funcionamento Filtro de pesquisa: Conta = Traz as contas habilitadas para um investidor. Instrumento = Pesquisa por um instrumento específico. Origem = Permite a pesquisa em todos os canais habilitada a negociação do investidor. Origem do tipo Web significa todas as ofertas colocadas pelo investidor Origem do tipo mesa, significa todas as ofertas colocadas pela corretora. Intervalo de datas = Data inicial e data final, limitada há 120 dias. Tipo de ordem = Selecionar Compra, Venda ou ambas. Status = Segmentar a pesquisa na por totalmente Executada ou todos o demais status das ofertas. Nº da ordem = É o número dado para cada oferta Emissão = Data de processamento da oferta pelo sistema de negociação eletrônico. Tipo = Compra / Venda Instrumento = Mercado + Mercadoria + vencimento Validade = Validade da oferta. Atualmente o sistema suporta apenas ofertas para o mesmo dia do pregão. Quantidade Solicitada = Quantidade solicitada originalmente no ato do envio da oferta. Quantidade Negociada = Quantidade total negociada, somando-se todas as parciais. Será sempre um valor menor ou igual a quantidade Solicitada. WTr Negociação Página 36 de 42

37 Preço Solicitado = Todas as ofertas no sistema são postadas com o preço limitado. Preço Negociado = Se for uma oferta de compra, o preço poderá ser menor ou igual ao Preço solicitado. Se for uma oferta de venda, deverá ser um preço maior ou igual ao valor solicitado. Status = Indica a evolução da oferta no sistema Wtr. RS REGISTRO DE SOLICITAÇÃO DE OFERTA OA OFERTA ACEITA PE EXECUTADA PARCIAL ET EXECUTADA TOTAL CC CANCELADA PELO CONTROLE OR ORDEM RECUSADA Canal = AD (Administrativo usado pela rotina de MTM Mark to Market para cancelamento de ofertas), IN (Ordens registradas pela corretora), SE (SPI ordens registradas pela BM&F), SM (WEB ordens registradas pelo investidor), SP (Semiprofissional ordens especificadas pelo investidor), TB (Terminal Bolsa ordens enviadas pela BM&F), TC (Terminal Corretor ordens enviadas pela Instituição através do BTS) Contingência Funcionamento Em caso de falha na negociação, o investidor deverá entrar em contato com a mesa de operações da Instituição escolhida. Ela terá as ferramentas adequadas para completar a negociação desejada pelo investidor. WTr Negociação Página 37 de 42

38 2.6. Acompanhamento de Mercado Portfólio Negociações / Portfólio Objetivo Fornecer uma interface para o investidor cadastrar os instrumentos que deseja acompanhar durante o período do pregão. Para todo o portifólio escolhido, não é necessário a atualização das páginas pois todas as informações são atualizadas em tempo real com o pregão. WTr Negociação Página 38 de 42

39 Funcionalidade de criação de portfólio Para criar um novo portfólio, selecione o botão adicionar. Passos: 1. Escolher o nome do portfólio. 2. Na seleção dos instrumentos existem 2 opções: + Criar um portfólio teórico: escolher a opção DESEJO SELECIONAR OS INSTRUMENTOS MANUALMENTE + Criar um portfólio com base em uma carteira existente: escolher a opção DESEJO ADICIONAR TODOS OS INSTRUMENTOS DE UMA CONTA ESPECÍFICA 3. Selecionar as colunas que deseja exibir. 4. Selecionar o botão gravar. WTr Negociação Página 39 de 42

40 Importante. Ao selecionar a opção Padrão, significa que será o primeiro portfólio a ser carregado. Todo o processo de seleção de instrumentos ou colunas disponíveis funciona com o mesmo mecanismo de seleção. Digitar o instrumento ou por uma palavra chave no campo Buscar Cód. Neg/Palavra-chave. Para a múltipla seleção selecione o botão Ctrl no seu teclado e escolha os instrumentos desejados. Ao selecionar os instrumentos, sairão da lista de instrumentos disponíveis e passarão para a lista de instrumentos selecionados. WTr Negociação Página 40 de 42

41 Para escolher a ordem em que aparecerá o instrumento na tela, o investidor deverá utilizar os botões: e. Para escolher como portifolio a posição que o investidor possue selecionar a opção DESEJO ADICIONAR TODOS OS INSTRUMENTOS DE UMA CONTA ESPECÍFICA Para escolher as colunas com as informações de mercado que deverá estar visível no portifólio selecionar na lista de colunas disponíveis. WTr Negociação Página 41 de 42

42 Ao selecionar o botão gravar será exibido o botão remover portifólio. que deverá es utilizado para remover permanentemente o Selecionar o botão voltar para ir a tela principal tela de pesquisa de instrumentos em todo o site Em qualquer tela que o ícone sua disposição a tela de pesquisa: estiver disponível, o investidor terá a Ao selecionar o botao LOCALIZAR sem o preenchimento de instrumento, estará sendo mostrado todos os instrumentos liberados para o investidor. No campo instrumento se for preenchido WIN ou WBG trará respectivamente os vencimentos dos instrumentos pesquisados. Se for selecionado apenas o ano, o resultado da pesquisa será todos os instrumentos autrizados do ano selecionado. Se for selecionado apenas o mes, o resulado será todos os instrumentos autorizados para o mês, em todos os anos. A pesquisa pode ser feita conjugada: instrumento + Mês + Ano. WTr Negociação Página 42 de 42

WTr Web Trading BM&F. Manual do Investidor

WTr Web Trading BM&F. Manual do Investidor WTr Web Trading BM&F Manual do Investidor Versão 1.2 13/11/2004 Índice 2.1. Home Page... 6 2.1.1.Objetivo...6 2.1.2. Funcionalidades...7 2.1.2.1. Dados do participante...7 2.1.2.2. Limites...7 2.1.2.3.

Leia mais

Gestão de Ativos. Manual do Usuário. Treinamento Fase 1 (TRN 01)

Gestão de Ativos. Manual do Usuário. Treinamento Fase 1 (TRN 01) Gestão de Ativos Manual do Usuário Treinamento Fase 1 (TRN 01) Índice 1. Introdução... 3 2. Movimentações de Ativos... 4 2.1. Monitoração... 4 2.1.1. Monitor de Movimentação de Ativos...4 2.2. Transações...15

Leia mais

Funcionalidades do Sistema de Negociação de Créditos de Carbono. Anexo VIII

Funcionalidades do Sistema de Negociação de Créditos de Carbono. Anexo VIII Anexo VIII Este Manual do Usuário possui caráter informativo e complementar ao Edital do Leilão de Venda de Reduções Certificadas de Emissão nº 001/2012, promovido pela Prefeitura da Cidade de São Paulo

Leia mais

Controle de Lançamentos Financeiros. Manual do Usuário. Treinamento Fase 1 (TRN 01)

Controle de Lançamentos Financeiros. Manual do Usuário. Treinamento Fase 1 (TRN 01) Controle de Lançamentos Financeiros Manual do Usuário Treinamento Fase 1 (TRN 01) Índice 1. Introdução... 3 2. Consultas... 4 2.1. Consulta por Membro de Compensação...4 2.2. Consulta por Participante...7

Leia mais

HOME BROKER 2.0. Manual do usuário

HOME BROKER 2.0. Manual do usuário HOME 2013 BROKER 2.0 Manual do usuário SUMÁRIO Tela inicial 2 Adicionando nova tela 2 Adicionando janelas 3 Criando Atalhos das janelas no menu lateral 4 Menu Lateral visualizando saldos e limites 5 Ocultando

Leia mais

HomeBroker Web 2.0. Manual do Usuário. Página 1 de 81

HomeBroker Web 2.0. Manual do Usuário. Página 1 de 81 HomeBroker Web 2.0 Manual do Usuário Página 1 de 81 Índice Objetivo...6 Tecnologias Utilizadas...6 Configuração mínima necessária...6 Características e principais objetos...6 Primeiro logon e assinatura

Leia mais

Tela que exibe os status das ordens enviadas, além dos dados de custódia do usuário (Tela 24).

Tela que exibe os status das ordens enviadas, além dos dados de custódia do usuário (Tela 24). 4. Status de Ordem Tela que exibe os status das ordens enviadas, além dos dados de custódia do usuário (Tela 24). Tela 24 Clique no [Menu] e, em seguida, na opção [Status de Ordem]. A tela de Status de

Leia mais

Home Broker Ativa 2.2. Manual do Usuário

Home Broker Ativa 2.2. Manual do Usuário Home Broker Ativa 2.2 Manual do Usuário Sumário Objetivo... 4 Tecnologias Utilizadas... 4 Configuração mínima necessária... 4 Características e principais elementos... 4 Primeiro login e assinatura digital...

Leia mais

HomeBroker NET 2.0. Manual do Usuário. Página 1 de 79

HomeBroker NET 2.0. Manual do Usuário. Página 1 de 79 HomeBroker NET 2.0 Manual do Usuário Página 1 de 79 Sumário Objetivo...5 Tecnologias Utilizadas...5 Configuração mínima necessária...5 Características e principais objetos...5 Primeiro logon e assinatura

Leia mais

FolhaInvest Manual Carteira

FolhaInvest Manual Carteira FolhaInvest Manual Carteira Carteira é onde estão consolidadas as informações sobre suas ações e seu capital. A partir de atalhos, você poderá comprar, clicando na letra C, ou vender, clicando na letra

Leia mais

Primeiros Passos para o Simulador de Ações do FinanceDesktop. Parte A INICIANDO E CONFIGURANDO (5 passos)

Primeiros Passos para o Simulador de Ações do FinanceDesktop. Parte A INICIANDO E CONFIGURANDO (5 passos) Primeiros Passos para o Simulador de Ações do FinanceDesktop. Seja bem-vindo(a) ao Simulador de Ações FinanceDesktop. Seu propósito é oferecer um ambiente completo e fácil de usar que permita o registro

Leia mais

Treinamento GVcollege Módulo Financeiro 1

Treinamento GVcollege Módulo Financeiro 1 Treinamento GVcollege Módulo Financeiro 1 2013 GVDASA Sistemas Caixa AVISO O conteúdo deste documento é de propriedade intelectual exclusiva da GVDASA Sistemas e está sujeito a alterações sem aviso prévio.

Leia mais

Índice. 1 / 56 Versão 2.1.98

Índice. 1 / 56 Versão 2.1.98 Índice CADASTROS...2 Cadastro de Fabricante... 2 Inclusão...3 Alteração...3 Exclusão...3 Cadastro de Unidades... 3 Inclusão...3 Alteração...4 Exclusão...4 Cadastro de Material... 4 Inclusão...4 Alteração...7

Leia mais

Manual do sistema Versão 1.0

Manual do sistema Versão 1.0 SIACON SISTEMA INTEGRADO DE CONVÊNIO Manual do sistema Versão 1.0 1. Introdução O SIACON é um sistema de convênio-empresa, baseado na plataforma de internet, aonde os funcionários de empresas conveniadas

Leia mais

Sistema de Controle de Bolsas e Auxílios - SCBA

Sistema de Controle de Bolsas e Auxílios - SCBA Sistema de Controle de Bolsas e Auxílios - SCBA Manual de Utilização Perfil Beneficiário 1. 2. Objetivo do Manual... 2 Siglas e Abreviações... 2 3. Perfil do Usuário... 2 4. Descrição Geral do Sistema...

Leia mais

MANUAL DO PRESTADOR FATURAMENTO WEB

MANUAL DO PRESTADOR FATURAMENTO WEB MANUAL DO PRESTADOR FATURAMENTO WEB 0 Sumário Introdução... 2 Funcionalidades... 2 Requisitos Necessários... 2 Faturamento Web... 3 Faturamento Simplificado... 4 Faturamento Detalhado... 9 Faturamento

Leia mais

Manual do Usuário. Novo Internet Banking Governo - IBG

Manual do Usuário. Novo Internet Banking Governo - IBG Manual do Usuário Novo Internet Banking Governo - IBG Versão V - Abril 2013 Sumário 2. Visão Geral do Sistema... 5 2.1. Operações disponíveis no novo IBG... 6 2.1. Perfis disponíveis... 7 2.2. Definições,

Leia mais

P&F Manual Guia WEB TISS 3.0

P&F Manual Guia WEB TISS 3.0 A seguir será apresentado os passos para emissão de guia via internet, versão TISS 3.0. Essas guias foram desenvolvidas de acordo com o padrão estabelecido pelo órgão regulador do setor de saúde suplementar

Leia mais

MANUAL VTWEB CLIENT URBANO

MANUAL VTWEB CLIENT URBANO MANUAL VTWEB CLIENT URBANO A marca do melhor atendimento. Conteúdo... 2 1. Descrição... 3 2. Cadastro no sistema... 3 2.1. Pessoa Jurídica... 3 2.2. Pessoa Física... 5 2.3. Concluir o cadastro... 6 3.

Leia mais

Manual Home Broker ST

Manual Home Broker ST Manual Home Broker ST SUMÁRIO: 1) Introdução... 2 2) Tecnologias Utilizadas... 2 3) Características e principais objetos... 3 4) Customização da Interface... 5 5) Barra de Tarefas... 7 6) Itens de Menu...

Leia mais

Manual do Sistema de Almoxarifado P á g i n a 2. Manual do Sistema de Almoxarifado Módulo Requisição. Núcleo de Tecnologia da Informação

Manual do Sistema de Almoxarifado P á g i n a 2. Manual do Sistema de Almoxarifado Módulo Requisição. Núcleo de Tecnologia da Informação Divisão de Almoxarifado DIAX/CGM/PRAD Manual do Sistema de Almoxarifado Módulo Requisição Versão On-Line Núcleo de Tecnologia da Informação Universidade Federal de Mato Grosso do Sul Manual do Sistema

Leia mais

Resumo das funcionalidades

Resumo das funcionalidades Resumo das funcionalidades Menu MENU Dados Cadastrais Atualizar Cadastro Troca Senha Grupo Usuários Incluir Atualizar Funcionários Incluir Atualizar Atualizar Uso Diário Importar Instruções Processar Status

Leia mais

Convênio, Contrato de Repasse e Termo de Parceria operados por OBTV (Ordem Bancária de Transferências Voluntárias) Perfil Convenente

Convênio, Contrato de Repasse e Termo de Parceria operados por OBTV (Ordem Bancária de Transferências Voluntárias) Perfil Convenente MINISTÉRIO DO PLANEJAMENTO ORÇAMENTO E GESTÃO SECRETARIA DE LOGÍSTICA E TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO DEPARTAMENTO DE GESTÃO ESTRATÉGICA DA INFORMAÇÃO Portal dos Convênios SICONV Convênio, Contrato de Repasse

Leia mais

Pequenas Frotas. Manual do Sistema WEB

Pequenas Frotas. Manual do Sistema WEB Pequenas Frotas Manual do Sistema WEB Versão 1.1 Abr-2014 Sumário 1. Acesso ao Sistema... 3 1.1. Site Institucional... 3 1.2. Canal do Corretor Usuário Principal (Master)... 3 1.3. Controle de Acesso...

Leia mais

Manual para Transportadoras

Manual para Transportadoras Índice 1 Objetivo... 3 2 O Projeto e-suprir... 3 3 Introdução... 3 4 Informações Básicas... 4 4.1 Painel de Controle Compras... 4 5 Acessando o Pedido... 5 6 Digitando o Espelho de Nota Fiscal... 7 6.1

Leia mais

AVISO. O conteúdo deste documento é de propriedade intelectual exclusiva da GVDASA Sistemas e está sujeito a alterações sem aviso prévio.

AVISO. O conteúdo deste documento é de propriedade intelectual exclusiva da GVDASA Sistemas e está sujeito a alterações sem aviso prévio. AVISO O conteúdo deste documento é de propriedade intelectual exclusiva da GVDASA Sistemas e está sujeito a alterações sem aviso prévio. Nenhuma parte desta publicação pode ser reproduzida nem transmitida

Leia mais

Índice 1. PORTAL DE VENDAS... 3 2. INTEGRAÇÃO PORTAL DE VENDAS X FOX... 4 3. CADASTRO DE VENDEDORES/SUPERVISORES... 5 4. CONFIGURAÇÃO DO SISTEMA...

Índice 1. PORTAL DE VENDAS... 3 2. INTEGRAÇÃO PORTAL DE VENDAS X FOX... 4 3. CADASTRO DE VENDEDORES/SUPERVISORES... 5 4. CONFIGURAÇÃO DO SISTEMA... Portal de Vendas Índice 1. PORTAL DE VENDAS... 3 2. INTEGRAÇÃO PORTAL DE VENDAS X FOX... 4 3. CADASTRO DE VENDEDORES/SUPERVISORES... 5 1.1. Guia Portal de Vendas... 7 4. CONFIGURAÇÃO DO SISTEMA... 8 5.

Leia mais

Manual do Sistema TBZ OnLine - Entidade

Manual do Sistema TBZ OnLine - Entidade Manual do Sistema TBZ OnLine - Entidade DM003.0 Página 1 / 42 Índice 1 APRESENTAÇÃO... 4 DETALHAMENTO DOS LINKS DO TECBIZ ONLINE... 5 2 INICIAL... 5 3 ASSOCIADO... 5 3.1 SELECIONA ASSOCIADO... 5 3.2 ALTERAR

Leia mais

O Oficina Integrada é um sistema completo para o controle e gerenciamento de oficinas mecânicas. É o primeiro e único software que controla o fluxo

O Oficina Integrada é um sistema completo para o controle e gerenciamento de oficinas mecânicas. É o primeiro e único software que controla o fluxo O Oficina Integrada é um sistema completo para o controle e gerenciamento de oficinas mecânicas. É o primeiro e único software que controla o fluxo em sua oficina. O sistema foi desenvolvido para ser utilizado

Leia mais

Home Broker Web 2.0 Manual do Usuário

Home Broker Web 2.0 Manual do Usuário Home Broker Web 2.0 Manual do Usuário E-mail: atendimento@slw.com.br Página 1 Sumário Objetivo... 5 Tecnologias Utilizadas... 5 Configuração mínima necessária... 5 Requisitos... 5 Configurações Mínimas...

Leia mais

Convênio, Contrato de Repasse e Termo de Parceria operados por OBTV

Convênio, Contrato de Repasse e Termo de Parceria operados por OBTV MINISTÉRIO DO PLANEJAMENTO ORÇAMENTO E GESTÃO SECRETARIA DE LOGÍSTICA E TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO DEPARTAMENTO DE GESTÃO ESTRATÉGICA DA INFORMAÇÃO Portal dos Convênios SICONV Convênio, Contrato de Repasse

Leia mais

Portal Sindical. Manual Operacional Empresas/Escritórios

Portal Sindical. Manual Operacional Empresas/Escritórios Portal Sindical Manual Operacional Empresas/Escritórios Acesso ao Portal Inicialmente, para conseguir acesso ao Portal Sindical, nos controles administrativos, é necessário acessar a página principal da

Leia mais

Convênio, Contrato de Repasse e Termo de Parceria operados por OBTV

Convênio, Contrato de Repasse e Termo de Parceria operados por OBTV MINISTÉRIO DO PLANEJAMENTO ORÇAMENTO E GESTÃO SECRETARIA DE LOGÍSTICA E TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO DEPARTAMENTO DE GESTÃO ESTRATÉGICA DA INFORMAÇÃO Portal dos Convênios SICONV Convênio, Contrato de Repasse

Leia mais

Manual Socopa Home Broker v.2.0 2012 Todos os direitos reservados

Manual Socopa Home Broker v.2.0 2012 Todos os direitos reservados ÍNDICE 1. Acesso ao Home Broker 2. Operações 2.1. Compra e Venda 2.2. Cancelamento 3. Consultas 3.1. Ordens 3.2. Carteira 3.3. Posição Financeira 3.4. Extrato 3.5. Notas de Corretagem 1. Acesso ao Home

Leia mais

MANUAL DO USUÁRIO MODULO ALMOXARIFADO SUAP

MANUAL DO USUÁRIO MODULO ALMOXARIFADO SUAP MANUAL DO USUÁRIO MODULO ALMOXARIFADO SUAP Pouso Alegre MG 2013 SUMÁRIO 1. Introdução.... 6 2. Efetuar Entrada de Material.... 8 2.1. Entrada de Material por Compra.... 8 2.1.1. Cadastro de Empenho...

Leia mais

Sistematic Tecnologia e Sistemas de Informação LTDA

Sistematic Tecnologia e Sistemas de Informação LTDA Manual do Usuário SisCommercePDV NFC-e Sistematic Tecnologia e Sistemas de Informação LTDA MANUAL DO USUÁRIO SisCommercePDV Emissor de Nota Fiscal do Consumidor Eletrônica (NFC-e) *Manual em desenvolvimento

Leia mais

AVISO. O conteúdo deste documento é de propriedade intelectual exclusiva da GVDASA Sistemas e está sujeito a alterações sem aviso prévio.

AVISO. O conteúdo deste documento é de propriedade intelectual exclusiva da GVDASA Sistemas e está sujeito a alterações sem aviso prévio. AVISO O conteúdo deste documento é de propriedade intelectual exclusiva da GVDASA Sistemas e está sujeito a alterações sem aviso prévio. Nenhuma parte desta publicação pode ser reproduzida nem transmitida

Leia mais

Está apto a utilizar o sistema, o usuário que tenha conhecimentos básicos de informática e navegação na internet.

Está apto a utilizar o sistema, o usuário que tenha conhecimentos básicos de informática e navegação na internet. Conteúdo 1. Descrição geral 2 2. Resumo das funcionalidades 3 3. Efetuar cadastro no sistema 4 4. Acessar o sistema 6 5. Funcionalidades do menu 7 5.1 Dados cadastrais 7 5.2 Grupos de usuários 7 5.3 Funcionários

Leia mais

Sistema de Prestação de Contas Siprec

Sistema de Prestação de Contas Siprec Sistema de Prestação de Contas Siprec Manual de Utilização Perfil Beneficiário Versão 1.3.4 Agosto de 2013 1 SUMÁRIO Manual do Usuário... 3 1. Objetivo do manual... 3 2. Sobre o sistema... 3 3. Quem deve

Leia mais

TRIBUNAL DE JUSTIÇA DO PARANÁ PROJUDI REFORMULAÇÃO DE CUMPRIMENTOS - MANDADOS

TRIBUNAL DE JUSTIÇA DO PARANÁ PROJUDI REFORMULAÇÃO DE CUMPRIMENTOS - MANDADOS TRIBUNAL DE JUSTIÇA DO PARANÁ PROJUDI REFORMULAÇÃO DE CUMPRIMENTOS - MANDADOS 2 SUMÁRIO SEÇÃO 1 - FLUXO DAS VARAS QUE NÃO POSSUEM CENTRAL DE MANDADOS... 03 1. CUMPRIMENTOS (PERFIS DE ANALISTA E TÉCNICO

Leia mais

FERRAMENTAS DE COLABORAÇÃO CORPORATIVA

FERRAMENTAS DE COLABORAÇÃO CORPORATIVA FERRAMENTAS DE COLABORAÇÃO CORPORATIVA Manual de Utilização Google Grupos Sumário (Clique sobre a opção desejada para ir direto à página correspondente) Utilização do Google Grupos Introdução... 3 Página

Leia mais

MANUAL DE UTILIZAÇÃO DO MODULO OPERACIONAL

MANUAL DE UTILIZAÇÃO DO MODULO OPERACIONAL MANUAL DE UTILIZAÇÃO DO MODULO OPERACIONAL TISS 3.02.00 Setembro 2015 - Versão 3 Índice Passo 1: Visão Geral... 3 Passo 2: Como acessar o Consultório Online?... 3 Passo 3: Quais são os Recursos Disponíveis...

Leia mais

SISTEMA DE CONTROLE DE ESTOQUE MANUAL PARA REQUISITANTES

SISTEMA DE CONTROLE DE ESTOQUE MANUAL PARA REQUISITANTES UNIVERSIDADE ESTADUAL DE CAMPINAS PRÓ-REITORIA DE DESENVOLVIMENTO UNIVERSITÁRIO DIRETORIA GERAL DE ADMINISTRAÇÃO SISTEMA DE CONTROLE DE ESTOQUE MANUAL PARA REQUISITANTES SISTEMA 1ª EDIÇÃO SETEMBRO/2013

Leia mais

SUMÁRIO Acesso ao sistema... 2 Atendente... 3

SUMÁRIO Acesso ao sistema... 2 Atendente... 3 SUMÁRIO Acesso ao sistema... 2 1. Login no sistema... 2 Atendente... 3 1. Abrindo uma nova Solicitação... 3 1. Consultando Solicitações... 5 2. Fazendo uma Consulta Avançada... 6 3. Alterando dados da

Leia mais

e-fornecedores Nova Versão Cartilha do Fornecedor

e-fornecedores Nova Versão Cartilha do Fornecedor e-fornecedores Nova Versão Cartilha do Fornecedor Destinada aos Fornecedores das empresas: Outubro/2010 Nova Estrutura de Telas O portal e-fornecedores conta com nova interface, que facilita a forma de

Leia mais

Manual do usuário. v1.0

Manual do usuário. v1.0 Manual do usuário v1.0 1 Iniciando com o Vivo Gestão 1. como fazer login a. 1º acesso b. como recuperar a senha c. escolher uma conta ou grupo (hierarquia de contas) 2. como consultar... de uma linha a.

Leia mais

Guia do Usuário ader OEC Tr Conta 18 de Junho de 2008

Guia do Usuário ader OEC Tr Conta 18 de Junho de 2008 Guia do Usuário OEC Trader Conta 18 de Junho de 2008 Página 2 18 de Junho de 2008 Tabela de Conteúdos POSIÇÕES MÉDIAS... 4 Exibir e reorganizar colunas... 6 Definições de Posições de cabeçalho na janela...

Leia mais

Manual de PRODUÇÃO ONLINE. Autorização e Faturamento

Manual de PRODUÇÃO ONLINE. Autorização e Faturamento Manual de PRODUÇÃO ONLINE 2 APRESENTAÇÃO A Unimed-Rio desenvolveu seu sistema de Produção Online, criado para facilitar a rotina de atendimento de seus médicos cooperados. Este sistema é composto por dois

Leia mais

MANUAL DE REFERÊNCIA DO CLIENTE S

MANUAL DE REFERÊNCIA DO CLIENTE S MANUAL DE REFERÊNCIA DO CLIENTE S SUMÁRIO APRESENTAÇÃO... 3 CADASTRANDO-SE NO SISTEMA... 4 CADASTRANDO UM FAMILIAR... 7 ACESSANDO O SISTEMA já sou cadastrado... 8 COMO AGENDAR UMA CONSULTA pesquisar horários...

Leia mais

Manual do Sistema de Apoio Operadores CDL

Manual do Sistema de Apoio Operadores CDL N / Rev.: Manual 751.1/02 Este documento não deve ser reproduzido sem autorização da FCDL/SC Aprovação: Representante da Direção Ademir Ruschel Elaboração: Supervisor da Qualidade Sílvia Regina Pelicioli

Leia mais

Tutorial contas a pagar

Tutorial contas a pagar Tutorial contas a pagar Conteúdo 1. Cadastro de contas contábeis... 2 2. Cadastro de conta corrente... 4 3. Cadastro de fornecedores... 5 4. Efetuar lançamento de Contas à pagar... 6 5. Pesquisar Lançamento...

Leia mais

MANUAL COTAÇAO WEB MANUAL MANUAL AVANÇO INFORMÁTICA AVANÇO INFORMÁTICA. [Digite seu endereço] [Digite seu telefone] [Digite seu endereço de email]

MANUAL COTAÇAO WEB MANUAL MANUAL AVANÇO INFORMÁTICA AVANÇO INFORMÁTICA. [Digite seu endereço] [Digite seu telefone] [Digite seu endereço de email] MANUAL COTAÇAO WEB [Digite seu endereço] [Digite seu telefone] [Digite seu endereço de email] MANUAL MANUAL AVANÇO INFORMÁTICA AVANÇO INFORMÁTICA Material Desenvolvido para a Célula Materiais Autor: Equipe

Leia mais

PRONIM ED - EDUCAÇÃO Financeiro

PRONIM ED - EDUCAÇÃO Financeiro PRONIM ED - EDUCAÇÃO Financeiro SUMÁRIO 1. FINANCEIRO... 5 1.1. ED - SECRETARIA... 5 1.2. ED - ESCOLA... 5 1.3. USUÁRIOS POR ENTIDADE NO ED SECRETARIA E ESCOLA... 6 2. FINANCEIRO - SECRETARIA... 7 2.1.

Leia mais

1. Informações sobre Inventário 2

1. Informações sobre Inventário 2 INVENTÁRIO 1. Informações sobre Inventário 2 2. Etapas do Inventário 3 2.1 Etapa 1: Premisas para o Inventário 3 2.1.1 Criando um Novo Inventário 7 2.2 Etapa 2: Contagem 20 2.2.1 Inserindo Contagem/Contagens

Leia mais

Manual de Utilização Chat Intercâmbio

Manual de Utilização Chat Intercâmbio Manual de Utilização Chat Intercâmbio 1 INDICE 1 Chat Intercâmbio... 6 1.1 Glossário de Termos Utilizados.... 6 1.2 Definições de uma Sala de Chat... 7 1.3 Como Acessar o Chat Intercâmbio... 8 1.4 Pré-requisitos

Leia mais

SISCOF - Manual do Usuário

SISCOF - Manual do Usuário SISCOF - Manual do Usuário SERPRO / SUPDE / DECTA / DE901 SISTEMA DE CONTROLE DE FREQUÊNCIA Versão 1.2 Sumário SISCOF Sistema de Controle de Frequência 1. Login e Senha... 2 1.1 Como Efetuar Login No Sistema...

Leia mais

- Acessar o sistema. Para acessar o sistema digite o endereço eletronico www.simpo.com.br/protocolo e clique em login na barra de menus.

- Acessar o sistema. Para acessar o sistema digite o endereço eletronico www.simpo.com.br/protocolo e clique em login na barra de menus. - Acessar o sistema. Para acessar o sistema digite o endereço eletronico www.simpo.com.br/protocolo e clique em login na barra de menus. Ou digite www.simpo.com.br/protocolo/login.php, para ir diretamente

Leia mais

Unimed Ponte Nova Cooperativa de Trabalho Médico Ltda Rua Hugo Saporetti, 48 Guarapiranga Ponte Nova MG CEP: 35430-202

Unimed Ponte Nova Cooperativa de Trabalho Médico Ltda Rua Hugo Saporetti, 48 Guarapiranga Ponte Nova MG CEP: 35430-202 1 Sumário 1 HILUM... 3 2 Identificação do Beneficiário... 4 3 Help OnLine... 6 4 Consulta... 7 4.1 Execução... 7 5 SADT... 13 5.1 Solicitação... 13 5.2 Solicitação / Execução... 21 5.3 Execução... 30 5.4

Leia mais

SISTEMA UNIMED HRP: MÓDULO WEBSAÚDE MANUAL DE UTILIZAÇÃO

SISTEMA UNIMED HRP: MÓDULO WEBSAÚDE MANUAL DE UTILIZAÇÃO SISTEMA UNIMED HRP: MÓDULO WEBSAÚDE MANUAL DE UTILIZAÇÃO Departamento de Tecnologia da Informação tecnologia@unimeditabira.com.br 31 3839-771 3839-7713 Revisão 03 Itabira Setembro 2015 Sumário 1. Acessando

Leia mais

Portal nddcargo 4.1.5.0 Manual de Utilização Call Center Visão Administrador

Portal nddcargo 4.1.5.0 Manual de Utilização Call Center Visão Administrador Portal nddcargo 4.1.5.0 Manual de Utilização Call Center Visão Administrador Histórico de alterações Data Versão Autor Descrição 23/11/2012 1 Criação do documento. 2 1. Introdução... 4 2. Funcionalidades

Leia mais

MÓDULO CLIENTE 1. O QUE PODE SER FEITO PELO SITE: 3 2. APRESENTAÇÃO DO SITE 4

MÓDULO CLIENTE 1. O QUE PODE SER FEITO PELO SITE: 3 2. APRESENTAÇÃO DO SITE 4 MÓDULO CLIENTE Conteúdo 1. O QUE PODE SER FEITO PELO SITE: 3 2. APRESENTAÇÃO DO SITE 4 2.2 HOME 4 2.3 A VALECARD 5 2.4 PRODUTOS 6 2.5 REDE CREDENCIADA 7 2.6 ROTA 9 2.7 CONTATO 9 3. EMPRESAS 11 3.1. ACESSO

Leia mais

MANUAL DE INSTRUÇÕES SISTEMA OPERACIONAL MÉTODO QUANTUM 2014

MANUAL DE INSTRUÇÕES SISTEMA OPERACIONAL MÉTODO QUANTUM 2014 MANUAL DE INSTRUÇÕES SISTEMA OPERACIONAL MÉTODO QUANTUM 2014 ÍNDICE Apresentação Principais Botões Login Usúario Resultado Método Quantum Preencher Método Quantum Extrato On-Line Engenharia de Função Grupos

Leia mais

FUNCIONALIDADES / MODIFICAÇÕES SISTEMA

FUNCIONALIDADES / MODIFICAÇÕES SISTEMA FUNCIONALIDADES / MODIFICAÇÕES SISTEMA 03/09/2014 EXTRATO DE CONTAS E CONFIGURAÇÃO DE REPASSE Na seção "Financeiro" da página do cliente, você irá encontrar a listagem das Contas Internas do mesmo. Na

Leia mais

SIGA Saúde. Sistema Integrado de Gestão da Assistência à Saúde. Manual operacional. Módulo Agenda Agendamento Local

SIGA Saúde. Sistema Integrado de Gestão da Assistência à Saúde. Manual operacional. Módulo Agenda Agendamento Local SIGA Saúde Sistema Integrado de Gestão da Assistência à Saúde Manual operacional Módulo Agenda Agendamento Local Sumário Introdução... 3 Agendamento... 4 Pesquisa de vagas... 5 Perfil de Agenda... 6 Dados

Leia mais

1. Introdução... 5. 2. Instalação do Módulo Gerenciador de Acessos SinaGAS... 6. 3. Tipos de Autenticação... 8. 3.1. Autenticação Sinacor...

1. Introdução... 5. 2. Instalação do Módulo Gerenciador de Acessos SinaGAS... 6. 3. Tipos de Autenticação... 8. 3.1. Autenticação Sinacor... Índice 1. Introdução... 5 2. Instalação do Módulo Gerenciador de Acessos SinaGAS... 6 3. Tipos de Autenticação... 8 3.1. Autenticação Sinacor... 8 3.2. Autenticação AD... 11 4. Fluxo Operacional... 14

Leia mais

MANUAL DO WEBSIGOM ÍNDICE

MANUAL DO WEBSIGOM ÍNDICE MANUAL DO WEBSIGOM ÍNDICE 1. Procedimentos de utilização pela empresa cliente... 01 2. Funcionalidades do WebSigom... 02 2.1. Cadastro... 03 2.2. Inserir um novo usuário... 03 2.3. Consultar os dados de

Leia mais

DRIVE CONTÁBIL NASAJON

DRIVE CONTÁBIL NASAJON DRIVE CONTÁBIL NASAJON Módulo Gestão de Documentos Versão 1.0 Manual do Usuário 1 Sumário Os Módulos do Gerenciador de NFe: Informações Básicas Primeiro Acesso: Requisitos Acesso ao Drive Contábil Nasajon

Leia mais

Manual de liberação de Guias on-line para o Prestador Credenciado

Manual de liberação de Guias on-line para o Prestador Credenciado Manual de liberação de Guias on-line para o Prestador Credenciado 1 SUMÁRIO 1. Objetivo... 3 2. Acesso ao Sistema... 3 3. Descrição das Funcionalidades Menu Guias Liberação On-line.... 4 3.1 Liberação

Leia mais

CPS FINANÇAS PESSOAIS MANUAL DO USUÁRIO

CPS FINANÇAS PESSOAIS MANUAL DO USUÁRIO APRESENTAÇÃO O CPS FINANÇAS PESSOAIS é um software desenvolvido para gerenciar a movimentação financeira de forma pessoal, rápida e simplificada fornecendo relatórios e demonstrativos. Este manual é parte

Leia mais

Manual do Usuário. Manual do Usuário - Versão 1.0. 1

Manual do Usuário. Manual do Usuário - Versão 1.0. 1 Manual do Usuário Manual do Usuário - Versão 1.0. 1 Índice 1. Visão Geral... 3 2. Acessar o sistema... 3 3. Módulo Inicial... 6 3.1. Cabeçalho do sistema... 6 3.2. Fale Conosco... 6 3.3. Meu Cadastro...

Leia mais

Manual Girassol Food Cadastro

Manual Girassol Food Cadastro Cadastro INTRODUÇÃO Seja bem vindo ao Guia de Utilização do Sistema Girassol Food. Este guia trará todos os módulos detalhadamente, permitindo o esclarecimento de dúvidas sobre o funcionamento e os recursos

Leia mais

SGCD 2.2. Sistema Gerenciador de Conteúdo Dinâmico

SGCD 2.2. Sistema Gerenciador de Conteúdo Dinâmico Atualizado em 13/AGO/2012 Sistema Gerenciador de Conteúdo Dinâmico No final de 2007, o Serviço Técnico de Informática da UNESP Marília, disponibilizou para a comunidade acadêmica e administrativa o Sistema

Leia mais

INTRODUÇÃO 2 ACESSO AO SIGTECWEB 3 TEMPO DE CONEXÃO 5 NAVEGAÇÃO 7 BARRA DE AÇÕES 7 COMPORTAMENTO DOS BOTÕES 7 FILTROS PARA PESQUISA 8

INTRODUÇÃO 2 ACESSO AO SIGTECWEB 3 TEMPO DE CONEXÃO 5 NAVEGAÇÃO 7 BARRA DE AÇÕES 7 COMPORTAMENTO DOS BOTÕES 7 FILTROS PARA PESQUISA 8 ÍNDICE INTRODUÇÃO 2 ACESSO AO SIGTECWEB 3 TEMPO DE CONEXÃO 5 NAVEGAÇÃO 7 BARRA DE AÇÕES 7 COMPORTAMENTO DOS BOTÕES 7 FILTROS PARA PESQUISA 8 ACESSO ÀS FERRAMENTAS 9 FUNÇÕES 12 MENSAGENS 14 CAMPOS OBRIGATÓRIOS

Leia mais

Manual de Utilização Autorizador Web V2

Manual de Utilização Autorizador Web V2 Manual de Utilização Autorizador Web V2 OBJETIVO Esse manual tem como objetivo o auxílio no uso do Autorizador de Guias Web V2 do Padre Albino Saúde. Ele serve para base de consulta de como efetuar todos

Leia mais

Processo de Envio de email

Processo de Envio de email Processo de Envio de email Introdução O envio de documentos de forma eletrônica vem sendo muito utilizado, assim o envio de arquivos, relatórios, avisos, informações é realizado via e-mail. O sistema disponibiliza

Leia mais

Sistema de Devolução Web

Sistema de Devolução Web Manual Sistema de Devolução Web Usuário Cliente ÍNDICE Sumário 1. Prazos...3 2. Solicitação de Devolução... 4 3. Autorização de Devolução... 4 4. Coleta de Mercadoria... 4 5. Acompanhamento da Devolução...

Leia mais

Version Notes (Notas da versão) Versão 4.10.1.8-05-12-2012

Version Notes (Notas da versão) Versão 4.10.1.8-05-12-2012 Florianópolis, 05 de dezembro de 2012. Abaixo você confere as características e funcionalidades da nova versão 4.10.1.8-05-12-2012 do Channel. Para quaisquer dúvidas ou na necessidade de maiores esclarecimentos,

Leia mais

Liberação de Versão. Versão 8. Pergamum

Liberação de Versão. Versão 8. Pergamum Liberação de Versão Versão 8 Pergamum Sumário! " # $%# & '( & ) * ) +, +, %% -*%.-*). * %%! " / 0 #$!! 12%)& % 3* 1 45(' * 6! &' 3 $% 7 $ $ Confidencial Pergamum, 2012 $( 89& $ $!!!! +7! " #! & $ Confidencial

Leia mais

http://www.portalinovacao.mct.gov.br/sapi/

http://www.portalinovacao.mct.gov.br/sapi/ http://www.portalinovacao.mct.gov.br/sapi/ 1. Para registrar-se, na página principal do Portal SAPI clique no banner Registre-se, posicionado logo abaixo dos dados de login. O Sistema pergunta se a instituição

Leia mais

2013 GVDASA Sistemas Configuração dos Portais 2

2013 GVDASA Sistemas Configuração dos Portais 2 2013 GVDASA Sistemas Configuração dos Portais 2 AVISO O conteúdo deste documento é de propriedade intelectual exclusiva da GVDASA Sistemas e está sujeito a alterações sem aviso prévio. Nenhuma parte desta

Leia mais

www.siteware.com.br Versão 2.6

www.siteware.com.br Versão 2.6 www.siteware.com.br Versão 2.6 Sumário Apresentação... 4 Login no PortalSIM... 4 Manutenção... 5 Unidades... 5 Unidades... 5 Grupos de CCQ... 5 Grupos de unidades... 6 Tipos de unidades... 6 Sistema de

Leia mais

[SITE FÁCIL CDL MANUAL DO USUÁRIO]

[SITE FÁCIL CDL MANUAL DO USUÁRIO] Câmara de Dirigentes Lojistas [SITE FÁCIL CDL MANUAL DO USUÁRIO] Sumário 1. Controle de versão... 3 2. Objetivo... 4 3. Site fácil... 4 4. Acessando o sistema de gestão de conteúdo (SGC)... 5 5. Páginas

Leia mais

Está apto a utilizar o sistema, o usuário que tenha conhecimentos básicos de informática e navegação na internet.

Está apto a utilizar o sistema, o usuário que tenha conhecimentos básicos de informática e navegação na internet. 1. Descrição Geral Este manual descreve as operações disponíveis no módulo VTWEB Client, cuja finalidade é gerenciar cadastros de funcionários, realização de pedidos e controle financeiro dos pedidos.

Leia mais

Extrato Financeiro Manual de Usuário 02/05/2012 FAPESP

Extrato Financeiro Manual de Usuário 02/05/2012 FAPESP Extrato Financeiro Manual de Usuário FAPESP Conteúdo Introdução... 3 Acesso ao formulário para geração do extrato... 3 Como gerar o extrato financeiro... 5 Conteúdo do extrato... 9 Anexo I Dúvidas / problemas

Leia mais

SISBEX WEB. Manual do Usuário. Treinamento Fase 1 (TRN 01)

SISBEX WEB. Manual do Usuário. Treinamento Fase 1 (TRN 01) SISBEX WEB Manual do Usuário Treinamento Fase 1 (TRN 01) Índice 1. Apresentação... 3 2. Funções... 4 2.1. Menu Principal... 4 2.2. Registro de Operações... 6 2.2.1. Registrar Operações...6 2.2.2. Incluir

Leia mais

Sistema de Compras TV Globo

Sistema de Compras TV Globo Sistema de Compras TV Globo Guia de Uso - v. PÁGINA Índice Índice Negociações Sistema de Compras O que é o Sistema de Compras TV Globo Criar a sua cotação (Cota) Salvar Rascunho 7 Cadastro no Sistema Cotar

Leia mais

6.1. Inserir... 09 6.2. Consultar... 10 6.3. Listar Todos... 11 6.4. Alterar... 12 7. BENEFÍCIOS... 12

6.1. Inserir... 09 6.2. Consultar... 10 6.3. Listar Todos... 11 6.4. Alterar... 12 7. BENEFÍCIOS... 12 Sumário 1. APRESENTAÇÃO INICIAL... 03 2. EMPRESA... 03 3. UNIDADE... 03 3.1. Consultar... 03 3.2. Listar Todas... 04 4. SETOR... 05 4.1. Consultar... 05 4.2. Inserir... 05 4.3. Listar... 06 5. FUNÇÃO...

Leia mais

MANUAL DO USUÁRIO DO M3

MANUAL DO USUÁRIO DO M3 MANUAL DO USUÁRIO DO M3 1 CADASTROS 1.1 Clientes Abre uma tela de busca na qual o usuário poderá localizar o cadastro dos clientes da empresa. Preencha o campo de busca com o nome, ou parte do nome, e

Leia mais

Fazer um cálculo no produto RD Equipamentos e Agronegócio.

Fazer um cálculo no produto RD Equipamentos e Agronegócio. Fazer um cálculo no produto RD Equipamentos e Agronegócio. 1) Logar no Kit Médias Empresas Clicar no ícone Tókio Marine Empresarial, que abrirá a tela de login, veja abaixo. Caso seja o primeiro acesso

Leia mais

iconnect 3.3 Atualizações Pesquisa Dinâmica

iconnect 3.3 Atualizações Pesquisa Dinâmica iconnect 3.3 Atualizações Pesquisa Dinâmica Conteúdo iconnect 3.3 Atualizações Pesquisa Dinâmica... 3 1. Feedback do Cliente...3 1.1 Feedback do Cliente no Email da Pesquisa Dinâmica... 3 1.2 Página de

Leia mais

Requerimento: Digitador de Pedidos ProfarmaNet. Manual de Apoio. Preparado por: Versão: 1.0. Sumário

Requerimento: Digitador de Pedidos ProfarmaNet. Manual de Apoio. Preparado por: Versão: 1.0. Sumário Vanderlei Manual de Apoio Resumo Módulo Básico Especifico para Instalação e Usabilidade Lista de Distribuição Nome Área / Função Histórico de modificações Versão Data Descrição Responsável 13/12/2013 Versão

Leia mais

Manual de utilização do. sistema integrado de controle médico WWW.ISA.NET.BR

Manual de utilização do. sistema integrado de controle médico WWW.ISA.NET.BR Manual de utilização do sistema integrado de controle médico WWW.ISA.NET.BR Sistema integrado de controle médico Acesso... 3 Menu principal... 4 Cadastrar... 6 Cadastro de pacientes... 6 Convênios... 10

Leia mais

MATERIAL PARA CAPACITAÇÃO INTERNA DO FIPLAN

MATERIAL PARA CAPACITAÇÃO INTERNA DO FIPLAN Guia de Capacitação Concessão de Cotas Financeiras Versão 1.0 outubro 2012 MATERIAL PARA CAPACITAÇÃO INTERNA DO FIPLAN MÓDULO: PROGRAMAÇÃO FINANCEIRA INSTRUTOR: CARLOS ALBERTO PEREIRA LIMA COLABORADORES

Leia mais

MANUAL DO SISTEMA GT WEB CALL. Teledata

MANUAL DO SISTEMA GT WEB CALL. Teledata MANUAL DO SISTEMA GT WEB CALL Teledata Indíce analítico 1. Prefácio...3 2. Funcionalidades...3 3. Abrir chamados...7 4. Atribuir chamados...9 5. Consultar chamados...10 6. Fechar chamados...12 7. Relatórios...15

Leia mais

MANUAL DO PROGRAMA CSPSNet

MANUAL DO PROGRAMA CSPSNet MANUAL DO PROGRAMA CSPSNet Qualquer dúvida entre em contato: (33)32795093 01 USUÁRIO/CSPSNet O sistema CSPSNet está configurado para funcionar corretamente nos seguintes browsers: Internet Explorer 8.0,

Leia mais

Gerenciamento de Contatos

Gerenciamento de Contatos Gerenciamento de Contatos O objetivo deste módulo é ajudar a gerenciar todos os contatos da empresa. Além dos dados mais importantes, o módulo permite cadastrar anotações e relacionar as tarefas e eventos

Leia mais

1º No módulo de Gestão Contábil é possível acessar o relatório através do menu Relatórios Razão.

1º No módulo de Gestão Contábil é possível acessar o relatório através do menu Relatórios Razão. Impairment Produto : TOTVS Gestão Contábil 12.1.1 Processo : Relatórios Subprocesso : Razão Data publicação da : 12/11/2014 O relatório razão tem a finalidade de demonstrar a movimentação analítica das

Leia mais

FERRAMENTAS DE COLABORAÇÃO CORPORATIVA

FERRAMENTAS DE COLABORAÇÃO CORPORATIVA FERRAMENTAS DE COLABORAÇÃO CORPORATIVA Criação de Formulários no Google Drive Sumário (Clique sobre a opção desejada para ir direto à página correspondente) Criação de Formulários no Google Drive Introdução...

Leia mais

Manual de usuário MaxDialer Versão 1.0.2

Manual de usuário MaxDialer Versão 1.0.2 Manual de usuário MaxDialer Versão 1.0.2 1 Sumário 1. Introdução... 3 2. LOGIN... 3 3. Cadastro... 3 3.1. Máquinas... 4 3.2. Tipo Telefone... 5 3.3. Feriados... 6 3.4. Campanhas... 7 3.5. Usuários... 16

Leia mais

MANUAL DE USO FACGTO AUTORIZADOR ONLINE DE ODONTOLOGIA

MANUAL DE USO FACGTO AUTORIZADOR ONLINE DE ODONTOLOGIA MANUAL DE USO FACGTO AUTORIZADOR ONLINE DE ODONTOLOGIA 1 Acessar o endereço www.unafiscosaude.org.br, no menu Credenciados>Prestadores odontológicos>se deseja acessar o Sistema Facgto clique aqui. 1.2

Leia mais