Acessibilidade na Web Cesár Bomfim Brasília 15 de Março

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Acessibilidade na Web Cesár Bomfim Brasília 15 de Março"

Transcrição

1 Acessibilidade na Web Cesár Bomfim Brasília 15 de Março

2 Avaliação Passos para Site Acessível -Seguir padrões Web; -Seguir as diretrizes e recomendações de acessibilidade; -Realizar avaliação de acessibilidade.

3 Avaliação Estrutura -Análise de Código: Avalia qualidade e semântica da codificação do sítio; -Análise de Desenho: Avalia qualidade da área visual do sítio; -Análise de Acessibilidade: Avalia qualidade da navegação do sítio por pessoas com deficiência e aderência aos padrões de acessibilidade (e-mag e WCAG).

4 1 Localizador Universal de Recursos (URL) -Conceito: Endereço no qual se encontra o sítio ou portal; -Observado: formatação, memorização, facilidade, presença ou ausência do prefixo WWW, palavras desnecessárias.

5 Urls devem ser amigáveis, isto é, devem ser formadas por palavras e não códigos e parâmetros, devem ser concisas e claras. Urls amigáveis são simples de ler e de se lembrar.

6 2 - Análise de um endereço de uma página de Fale Conosco:

7 1 Exemplo para Localizador Universal de Recursos (URL)

8 2 Presença de quadro (frame) -Conceito: Divide o espaço da página em colunas e linhas; -Observado: Presença ou ausência.

9 O uso de frames representa uma barreira a mais para as pessoas que utilizam leitores de tela, pois estes dificultarão ou até impedirão o acesso às informações por pessoas com deficiência visual completa. As tags <frameset>, <frame> e <noframe> foram abolidas do HTML5, ficando somente o <iframe>.

10 Se for inevitável o uso de quadros, deve-se optar pelo iframe, tendo o cuidado de tornar seus conteúdos acessíveis.

11 2 - Para verificar a presença de quadros pode-se: - Buscar diretamente no código as tags <frame> ou <iframe>; - Utilizar plugin WebDeveloper do Firefox => Destacar = Quadros (frames);

12 2 Exemplo para presença de quadro (frame)

13 3 Doctype e validação -Conceito: Especifica as regras para a codificação da página; -Observado: Presença e qual doctype utilizados, erros levantados.

14 As páginas devem respeitar as regras de codificação do padrão de Doctype escolhido para que elas possam ser interpretadas corretamente tanto por navegadores, quanto por ferramentas de tecnologia assistiva.

15 3 Ferramenta para doctype e validação do código - Sítio do W3C Plugin Web Developer -Opção: Ferramentas > Validar HTML

16 3 Exemplo para doctype e validação

17 4 Title -Conceito: Título da página. Importante para conceituar o usuário sobre o assunto principal da página e para ajudar na identificação da página por motores de busca; -Observado: Descrição e relação ao conteúdo da página.

18 Atenção - Os títulos devem ser claros e concisos; - Devem passar ao usuário a informação sobre o conteúdo principal da página em questão; - Não devem conter palavras ou expressões desnecessárias como Bem vindo ao portal, Página de Contato, Sítio Oficial, etc; - Não devem conter recursos de pontuação ou outros caracteres utilizados com recursos estéticos. Ex..:: Bem Vindo ao Portal ::.,... Fale Conosco IFMS...

19 4 Como avaliar o Title - Observando diretamente no código o conteúdo da tag Title da página. - Observando barra de título da janela do navegador.

20 4 Exemplo para title Página Inicial <title> Instituto Federal de Mato Grosso do Sul IFRS</title> Página de Acesso a Informação <title> Acesso a Informação IFMS </title>

21 4 Exemplo para title

22 5 Declaração de idioma -Conceito: Indica qual é a língua principal utilizada na página e a alteração em textos específicos; -Observado: Correta declaração do idioma, declaração de mudança em trechos em outros idiomas.

23 O atributo Lang deve ser utilizado para marcar o idioma principal em que a página foi escrita, assim como a presença de palavras ou expressões em outra língua. Esta informação poderá ser utilizada para facilitar tarefas como a tradução do texto original para outros idiomas, verificação ortográfica, formatação de dados, etc. Usuários de ferramentas de tecnologia assistivas tais como leitores de tela também serão beneficiados com esta marcação, pois o programa ao ler a página poderá dar a entonação correta de cada palavra apresentada.

24 5 Como avaliar a declaração de idioma - Observando diretamente no código: - Utilizando o validador de internacionalização do W3C:

25 5 -

26 5 Exemplo para declaração de idioma da página Exemplo da declaração para um parágrafo específico:

27 6 Mapa de caracteres (Charset) -Conceito: Indica o conjunto de caracteres da página; -Observado: Presença ou ausência do charset, conformidade com W3C.

28 Documentos html admitem apenas uma forma de codificação. Não é possível, por exemplo, codificar diferentes partes do documento com mapas de caracteres diferentes. Portanto, deve existir apenas uma declaração de codificação por página. Atenção ao fato de que a declaração do mapa de caracteres apenas não basta, é preciso que os documentos sejam gravados utilizando o mapa declarado.

29 Atenção! A não declaração do mapa utilizado ou a gravação em padrão de caracteres em formato diferente do utilizado na página pode impedir a correta interpretação e exibição das informações por navegadores, assim como causar problemas para a verbalização do conteúdo por leitores de telas.

30 6 Como avaliar a declaração do mapa de caracteres e a adequada codificação da página - Observando diretamente no código; - Utilizando o validador de internacionalização do W3C; - Observando a renderização da página em um navegador.

31 Exemplo comparativo do mapa UTF-8 e ANSI:

32 6 Exemplo para mapa de caracteres (charset)

33 7 Independência de dispositivo -Conceito: Verificar a visualização e comportamento do sítio em vários navegadores; -Observado: Atuação da visualização e comportamento do sítio em navegadores distintos.

34 7 Exemplo para independência de dispositivo

35 8 Utilização de Sistemas de Gestão de Conteúdo (SGC) -Conceito: integra uma série de informações para padronização, evolução e manutenção de sítios; -Observado: Presença e qual é utilizado.

36 8 Exemplo para utilização de Sistemas de Gestão de Conteúdo

37 8 Ferramenta para verificar o uso de SGC - Buscar diretamente no código por Generator ; -Utilizar a ferramenta Wappalyzer;

38 8 Ferramenta para verificar a utilização de SGC -Plugin Wappalyzer

39 9 Uso HTML semântico -Conceito: Utilizar os elementos HTML de acordo com a função que foram criados; -Observado: Conformidade com padrões W3C.

40 O respeito a semântica dos elementos HTML permite que: - as páginas sejam indexadas adequadamente pelos motores de busca; - as ferramentas de tecnologia assistiva traduzam de maneira mais eficiente o conteúdo para as pessoas com deficiência; - as páginas tenham tamanhos menores.

41 9 Como avaliar a semântica HTML? Não há uma ferramenta que possa dizer se um elemento HTML está sendo usado para o fim ao qual o mesmo foi criado. É necessário que o responsável pela escrita da página conheça e utilize adequadamente cada elemento da linguagem de marcação. O que se pode fazer é uma validação humana utilizando alguns recursos auxiliares para tentar identificar e apontar o uso inadequado de algum elemento ou atributo.

42 Os erros mais comuns de semântica a serem buscados são: - O uso de tabelas para diagramação de páginas; - Uso inadequado de cabeçalhos: ausência, desrespeito a hierarquia, uso com fins estilísticos; - Não uso das listas html para marcar itens semelhantes como itens de um menu ou uma sequência de itens relacionais;

43 9 O uso de tabelas para diagramação de páginas;

44 9 O uso de tabelas para diagramação de páginas;

45 9 Desrespeito a hierarquia de cabeçalhos das páginas;

46 9 Desrespeito a hierarquia de cabeçalhos das páginas;

47 9 Uso de cabeçalhos com fins estilísticos, isto é para deixar o texto maior ou em negrito;

48 9 Exemplo para uso de HTML semântico

49 9 Ferramenta para uso do HTML semântico -Plugin Web Developer -Opção: Informações > Estrutura de Documento; -Opção: Destacar > Elementos por nível;

50 10 Folhas de Estilo (CSS) -Conceito: Utilizada para formatar a camada de apresentação do sítio; -Observado: Uso, boas práticas, presença inline ou interna, quantidade não utilizada.

51 10 Exemplo para folhas de estilo (CSS)

52 10 Ferramenta para folhas de estilo (CSS) -Plugin PageSpeed do Firebug -Opção: Remove unused css

53 10 Ferramenta para folhas de estilo (CSS) -Plugin Inline Code Finder (ICF)

54 11 Camada de Comportamento -Conceito: Utilização de componentes scripts, flashs, applets e outros para manipulação da informação; -Observado: Uso, interrupção, presença scripts no corpo do html, independência de dispositivos, localização do scripts

55 11 Exemplo para camada de comportamento

56 11 Ferramenta para Camada de Comportamento -Plugin Inline Code Finder (ICF)

57 11 Ferramenta para Camada de Comportamento -Plugin Web Developer -Opção: Desativar > Desativar Javascript

58 11 Ferramenta para Camada de Comportamento Verificar se não há perda de informações ou funcionalidades quando não há suporte a scripts. Os menus funcionam? Os formulários funcionam? A busca no sítio funciona?

59 11 Ferramenta para Camada de Comportamento É preciso fornecer um meio de acesso às informações e aos serviços oferecidos, mesmo quando o usuário fizer uso de um navegador ou uma ferramenta de tecnologia assistiva que não suporte a execução de scritps.

60 11 Ferramenta para Camada de Comportamento Ao declarar um <script> sempre usar a marcação <noscript> para fornecer uma alternativa ao usuário. <script> </script> <noscript> document.write("alô Mundo!") Sem suporte a scripts! Acesse esta versão: </noscript>

61 12 Peso dos elementos e otimização da página -Conceito: Avaliar tempo de renderização da página e técnicas para otimizar os elementos que prejudicam a performance; -Observado: Tamanho em bytes, elementos que dificultam a renderização, indicação de técnicas de otimização, uso correto de formato de arquivos.

62 12 Ferramenta para Peso dos elementos e otimização da página -Plugin YSLOW -Opção: Statistics

63 12 Ferramenta para Peso dos elementos e otimização da página -Plugin Page Speed do Firebug -Opções: Combinar imagens com CSS Sprites, Ativar Compactação, Adiar análise de javascript, Otimizar imagens

64 12 Ferramenta para Peso dos elementos e otimização da página -Site websiteoptimization -link:

65 Avaliação Análise de Desenho 1 Identidade Visual -Conceito: Verificar presença da Barra Brasil. Mantida pela SECOM do Ministério do Planejamento; -Observado: Presença ou omissão, aplicação correta dos elementos da barra.

66 Avaliação Análise de Desenho 1 Exemplo para identidade visual

67 Avaliação Análise de Desenho 2 Padronização Visual -Conceito: Criação de um vocabulário visual a ser utilizado por todo sítio; -Observado: Existência de padrão, aplicação as páginas e hotsites

68 Avaliação Análise de Desenho 2 Exemplo para Padronização Visual

69 Avaliação Análise de Desenho 2 Exemplo para Padronização Visual

70 Avaliação Análise de Desenho 2 Exemplo para Padronização Visual

71 Avaliação Análise de Desenho 3 Cabeçalho -Conceito: Primeiro ponto de identificação e âncora para sítio; -Observado: Tamanho ocupa, elementos presentes.

72 Avaliação Análise de Desenho 3 Exemplo para Cabeçalho

73 Avaliação Análise de Desenho 4 Paleta de Cores -Conceito: Escolha correta é vital para bom funcionamento do sítio ou portal; -Observado: Contraste das cores.

74 Avaliação Análise de Desenho 4 Exemplo para paleta de cores

75 Avaliação Análise de Desenho 4 Ferramenta para paleta de cores -Software Colour Contrast Analyser

76 Avaliação Análise de Desenho 5 Uso de animação e recursos multimídia -Conceito: O uso de animações e multimídia podem distrair o cidadão do objetivo do sítio e até incomodá-lo; -Observado: Pertinência, controle, presença de banners animados.

77 Avaliação Análise de Desenho 5 Exemplo para uso de animação e recursos multimídia

78 Avaliação Análise de Desenho 6 Pregnância das imagens -Conceito: Capacidade de ícone ou imagem transmitir o objetivo para o qual foi criado; -Observado: Uso e relações com tema do sítio.

79 Avaliação Análise de Desenho 6 Exemplo para pregnância das imagens

80 Avaliação Análise de Desenho 7 Diagramação e uso da área branca -Conceito: Diagramação é a distribuição e organização dos elementos da página. Área branca ajuda na separação dos blocos de informação; -Observado: Utilização da diagramação e áreas brancas

81 Avaliação Análise de Desenho 7 Exemplo para diagramação e uso de área branca

82 Avaliação Análise de Desenho 7 Exemplo para diagramação e uso de área branca

83 Avaliação Análise de Desenho 8 Leiturabilidade -Conceito: Garantir que o texto seja lido de forma agradável; -Observado: Tamanho da fonte e composição, largura de linha e entrelinhas, alinhamento do texto.

84 Avaliação Análise de Desenho 8 Exemplo para leiturabilidade

85 Avaliação Análise de Acessibilidade 1 Simulação de leitor de tela -Conceito: Os leitores de tela interpretam o código HTML gerando sons correspondentes à fala; -Observado: Tempo de leitura, omissão de informações, existência de atalhos e teclas de atalho, navegação por links e cabeçalhos.

86 Avaliação Análise de Acessibilidade 1 Exemplo para simulação de leitor de tela

87 Avaliação Análise de Acessibilidade 1 Ferramenta para simulação de leitor de tela -Plugin Fangs

88 Avaliação Análise de Acessibilidade 1 Ferramenta para simulação de leitor de tela -Leitores de tela

89 Avaliação Análise de Acessibilidade 1 Ferramenta para simulação de leitor de tela -Simulador de tela no ASES

90 Avaliação Análise de Acessibilidade 2 Avaliador e simulador de Acessibilidade para sítios - ASES -Conceito: Software que aponta os problemas de acessibilidade do sítio ; -Observado: Erros e avisos apresentados pelo software

91 Avaliação Análise de Acessibilidade 2 Exemplo para avaliador e simulador de Acessibilidade para sítios - ASES

92 Avaliação Análise de Acessibilidade 3 Navegação por teclado -Conceito: Utilização do sítio apenas pelo teclado; -Observado: Comportamento por teclado, conteúdo realçado, atalhos via teclado.

93 Avaliação Análise de Acessibilidade 3 Exemplo para navegação por teclado

94 Avaliação Análise de Acessibilidade 4 Descrição das imagens -Conceito: Descrever imagem de forma sucinta; -Observado: Presença do texto alternativo, qualidade do texto, imagens decorativas

95 Avaliação Análise de Acessibilidade 4 Exemplo para descrição das imagens

96 Avaliação Análise de Acessibilidade 4 Ferramenta para descrição das imagens -Propriedade da imagem do Firefox

97 Avaliação Análise de Acessibilidade 4 Ferramenta para descrição das imagens -Plugin Web Developer => Imagens = Exibir textos alternativos

98 Avaliação Análise de Acessibilidade 4 Ferramenta para descrição das imagens -Plugin Web Developer => Imagens => Visualizar informações sobre imagens

99 Avaliação Análise de Acessibilidade 5 Quebra de navegação -Conceito: Ações que desviam a lógica da navegação e retiram o foco sem prévia anuência do usuário; -Observado: Páginas abertas em novas janelas ou abas, links quebrados, atributo target= blank

100 Avaliação Análise de Acessibilidade 5 Exemplo para quebra de navegação

101 Avaliação Análise de Acessibilidade 5 Ferramenta para quebra de navegação -Plugin Web Developer

102 Avaliação Análise de Acessibilidade 6 Página de descrição com os recursos de acessibilidade -Conceito: Apresenta os recursos de acessibilidade e outras informações pertinentes ao assunto; -Observado: Link para acesso, teclas de atalho, opções de aumento de fonte e contraste.

103 Avaliação Análise de Acessibilidade 6 Exemplo para página de descrição com os recursos de acessibilidade

104 Avaliação Análise de Acessibilidade 7 Barra de acessibilidade -Conceito: Localiza-se no topo (cabeçalho) do sítio e apresenta alguns elementos obrigatórios; -Observado: Opções de aumentar, diminuir e retornar a fonte, contraste, atalhos para área do sítio (menu, conteúdo e busca), link para página de descrição de acessibilidade.

105 Avaliação Análise de Acessibilidade 7 Exemplo para barra de acessibilidade

106 Avaliação Análise de Acessibilidade 8 Mapa do sítio -Conceito: Permite um visão geral do conteúdo do sítio. Funciona como um índice; -Observado: Presença, disposição em lista

107 Avaliação Análise de Acessibilidade 8 Exemplo para mapa do sítio

108 Avaliação Análise de Acessibilidade 9 Apresentação de formulários -Conceito: Seção que possui conteúdo, marcações e elementos especiais chamados campos. Os usuários utilizam os formulários para alterar os campos antes do envio ao servidor para serem processados; -Observado: tag HTML form; disponibilizar os elementos na ordem correta de navegação; etiquetas aos campos ; mudança de contexto quando elemento recebe foco; botão do tipo submit permitir a verificação das informações antes do envio; erros de cada campo; conjunto de informações em tags fieldset e legend.

109 Avaliação Análise de Acessibilidade 9 Exemplo para apresentação de formulários

110 Avaliação Análise de Acessibilidade 9 Ferramenta para apresentação de formulários -Plugin Web Developer

111 Avaliação Análise de Acessibilidade 10 Apresentação de documentos -Conceito: Formas como o documento dever ser disponibilizado nos sítios. Preferência em HTML; -Observado: Documentos do sítio e suas informações como extensão (tipo de arquivo) e tamanho. Documentos no formato HTML, ODF e PDF.

112 Avaliação Análise de Acessibilidade 10 Exemplo para apresentação de documentos

Escola Virtual SICONV

Escola Virtual SICONV Programa de Governo Eletrônico governoeletronico.gov.br Escola Virtual SICONV Análise Síntese Codificação, Desenho e Acessibilidade Concluída em 10/12/2012 Contato: C3S sisp@planejamento.gov.br Histórico

Leia mais

P.V. Descrição Ocorrências Linhas

P.V. Descrição Ocorrências Linhas Relatório da URL: http://www.cultura.gov.br Erros Prioridade. 22 36 37 38 39 40 45 46 50 53 59 63 32 33 369 39 395 459 460 472 473 474 476.6 Assegurar a acessibilidade do conteúdo de frames, fornecendo

Leia mais

SIEP / RENAPI. Dicas HTML e CSS para Desenvolvimento. de um Site/Portal Acessível

SIEP / RENAPI. Dicas HTML e CSS para Desenvolvimento. de um Site/Portal Acessível SIEP / RENAPI Dicas HTML e CSS para Desenvolvimento de um Site/Portal Acessível Setembro de 2009 Dicas HTML e CSS para Desenvolvimento de um Site/Portal Acessível Cuidados em geral Separar adequadamente

Leia mais

e-mag Checklist de Acessibilidade Manual para Deficientes Visuais

e-mag Checklist de Acessibilidade Manual para Deficientes Visuais Ministério do Planejamento, Orçamento e Gestão Secretaria de Logística e Tecnologia da Informação Departamento de Governo Eletrônico Ministério da Educação Secretaria de Educação Profissional e Tecnológica

Leia mais

Introdução ao HTML 5 e Implementação de Documentos

Introdução ao HTML 5 e Implementação de Documentos Linguagem de Programação para Web Introdução ao HTML 5 e Implementação de Documentos Prof. Mauro Lopes 1-31 20 Objetivo Iremos aqui apresentar a estrutura básica de um documento HTML e iremos também apresentar

Leia mais

Maurício Samy Silva. Novatec

Maurício Samy Silva. Novatec Maurício Samy Silva Novatec Sumário Agradecimentos...13 Sobre o autor...13 Introdução...15 Para quem foi escrito este livro... 15 Convenções tipográficas... 16 Site do livro... 18 Capítulo 1 O que é (X)HTML?...20

Leia mais

Fone: (19) 3234-4864 E-mail: editora@komedi.com.br Site: www.komedi.com.br HTM3.0. Tutorial HTML. versão 4.01

Fone: (19) 3234-4864 E-mail: editora@komedi.com.br Site: www.komedi.com.br HTM3.0. Tutorial HTML. versão 4.01 Fone: (19) 3234-4864 E-mail: editora@komedi.com.br Site: www.komedi.com.br HTM3.0 Tutorial HTML versão 4.01 K O M Σ D I Copyright by Editora Komedi, 2007 Dados para Catalogação Rimoli, Monica Alvarez Chaves,

Leia mais

Plano de Aula - Dreamweaver CS6 - cód.5232 24 Horas/Aula

Plano de Aula - Dreamweaver CS6 - cód.5232 24 Horas/Aula Plano de Aula - Dreamweaver CS6 - cód.5232 24 Horas/Aula Aula 1 Capítulo 1 - Introdução ao Dreamweaver CS6 Aula 2 Continuação do Capítulo 1 - Introdução ao Dreamweaver CS6 Aula 3 Capítulo 2 - Site do Dreamweaver

Leia mais

Sistemas para internet e software livre

Sistemas para internet e software livre Sistemas para internet e software livre Metodologia de modelagem de aplicações WEB Image: FreeDigitalPhotos.net Domínio: Elementos de aplicação WEB Páginas Web Scripts Formulários Applets e ActiveX Motivação

Leia mais

WEBDESIGN. Professor: Paulo Trentin paulo@paulotrentin.com.br http://www.paulotrentin.com.br Escola CDI de Videira

WEBDESIGN. Professor: Paulo Trentin paulo@paulotrentin.com.br http://www.paulotrentin.com.br Escola CDI de Videira WEBDESIGN Professor: Paulo Trentin paulo@paulotrentin.com.br http://www.paulotrentin.com.br Escola CDI de Videira 1 CDI - Curso de Webdesign - Prof. Paulo Trentin Objetivos para esta aula Debater sobre

Leia mais

VPAT (Voluntary Product Accessibility Template, Modelo de Acessibilidade de Produto) do eportfolio da Desire2Learn Maio de 2013 Conteúdo

VPAT (Voluntary Product Accessibility Template, Modelo de Acessibilidade de Produto) do eportfolio da Desire2Learn Maio de 2013 Conteúdo VPAT (Voluntary Product Accessibility Template, Modelo de Acessibilidade de Produto) do eportfolio da Desire2Learn Maio de 2013 Conteúdo Introdução Recursos de acessibilidade principais Navegação usando

Leia mais

DICAS PARA DESENVOLVER SITE ACESSÍVEL

DICAS PARA DESENVOLVER SITE ACESSÍVEL DICAS PARA DESENVOLVER SITE ACESSÍVEL Este arquivo contém dicas para o desenvolvimento de uma página acessível e de acordo com as normas W3C (World Wide Web). Para uma boa compreensão destas dicas é necessário

Leia mais

Manual do usuário Metodologia de Desenvolvimento de Sistemas Fase Especificação

Manual do usuário Metodologia de Desenvolvimento de Sistemas Fase Especificação Ministério do Planejamento, Orçamento e Gestão Secretaria de Logística e Tecnologia da Informação Departamento de Governo Eletrônico Ministério da Educação Secretaria de Educação Profissional e Tecnológica

Leia mais

Webdesign A tag HEAD e as Meta tags

Webdesign A tag HEAD e as Meta tags Webdesign A tag HEAD e as Meta tags Conteúdos Os materiais de aula, apostilas e outras informações estarão disponíveis em: www.thiagomiranda.net HEAD Como vimos anteriormente, o nosso documento HTML é

Leia mais

MANUAL JOOMLA 2.5 PORTAL INTERNET. Ministério do Esporte

MANUAL JOOMLA 2.5 PORTAL INTERNET. Ministério do Esporte MANUAL JOOMLA 2.5 PORTAL INTERNET Ministério do Esporte SUMÁRIO 1.0 - Módulo Administração... 1 2.0 Banner randômico... 2 2.1 Adicionar novo slide... 2 2.2 Excluir slide... 6 3.0 Artigos... 7 3.1 Adicionar

Leia mais

Sumário. HTML CSS JQuery Referências IHC AULA 6 5-09-2011 1

Sumário. HTML CSS JQuery Referências IHC AULA 6 5-09-2011 1 Sumário HTML CSS JQuery Referências IHC AULA 6 5-09-2011 1 Linguagem HTML HTML é a abreviação de HyperText Markup Language, que pode ser traduzido como Linguagem de Marcação de Hipertexto. Não é uma linguagem

Leia mais

Deficiências. Deficiência Física Deficiência Auditiva Deficiência Visual Deficiência Mental Deficiência Múltipla. Tem dificuldade para:

Deficiências. Deficiência Física Deficiência Auditiva Deficiência Visual Deficiência Mental Deficiência Múltipla. Tem dificuldade para: Deficiências Deficiência Física Deficiência Auditiva Deficiência Visual Deficiência Mental Deficiência Múltipla Tem dificuldade para: ver a tela usar o mouse usar o teclado ler um texto ouvir um som navegar

Leia mais

Checklist para ações de email marketing

Checklist para ações de email marketing Checklist para ações de email marketing Publicado em: 15/01/2008 Planejamento Quais os objetivos da campanha (atrair mais visitantes ao site, aumentar as vendas de produtos, conquistar a fidelidade dos

Leia mais

A importância dos padrões para a WEB e o ASA. Palestrante: Heitor de Souza Ganzeli

A importância dos padrões para a WEB e o ASA. Palestrante: Heitor de Souza Ganzeli A importância dos padrões para a WEB e o ASA Palestrante: Heitor de Souza Ganzeli Agenda INTRODUÇÃO FUNCIONAMENTO MOTIVAÇÃO SISTEMA Siga os padrões Internet e Dê ASAs a seu site Castro no site: http://asa.nic.br

Leia mais

Aplicativos para Internet Aula 01

Aplicativos para Internet Aula 01 Aplicativos para Internet Aula 01 Arquitetura cliente/servidor Introdução ao HTML, CSS e JavaScript Prof. Erika Miranda Universidade de Mogi das Cruzes Uso da Internet http://www.ibope.com.br/pt-br/noticias/paginas/world-wide-web-ou-www-completa-22-anos-nesta-terca-feira.aspx

Leia mais

QUEM FEZ O TRABALHO?

QUEM FEZ O TRABALHO? Introdução a Linguagem HTML: Conceitos Básicos e Estrutura ANA PAULAALVES DE LIMA 1 QUEM FEZ O TRABALHO? Com as tagsaprendidas hoje, faça uma página HTML sobre você com as seguintes informações: Seu nome

Leia mais

Oficina: ASES 2.0 Beta 6.0

Oficina: ASES 2.0 Beta 6.0 Oficina: ASES 2.0 Beta 6.0 André Luiz Andrade Rezende ¹ ¹Rede de Pesquisa e Inovação em Tecnologias Digitais (RENAPI) Doutorando em Educação e Contemporaneidade (UNEB) Estes slides são concedidos sob uma

Leia mais

Fase III Iteração IV

Fase III Iteração IV Fase III Iteração IV Sistema de Previsão do Tempo, Integração com os sistemas do Interlegis e Validação 1) Introdução Na penúltima fase de implementação foram desenvolvidos sistemas para Previsão do Tempo,

Leia mais

Apostila Active Brasil de Webdesign. Daniel de Menezes Gularte Omar Queiroz. 2002 Apostila de Webdesign ver. 1 rev. 0. Curso de Web Design

Apostila Active Brasil de Webdesign. Daniel de Menezes Gularte Omar Queiroz. 2002 Apostila de Webdesign ver. 1 rev. 0. Curso de Web Design APOSTILA WEBDESIGN Apostila Active Brasil de Webdesign Daniel de Menezes Gularte Omar Queiroz A livre distribuição dessa cópia está proibida, sendo de material exclusivo do curso de Webdesign da Active

Leia mais

Monday, January 23, 12. Introdução sobre Acessibilidade na web

Monday, January 23, 12. Introdução sobre Acessibilidade na web Introdução sobre Acessibilidade na web Acessibilidade na web é o consumo da informação por qualquer pessoa por qualquer tipo de meio de acesso. Para que serve a web? A web serve para compartilhar informação.

Leia mais

TECNOLOGIAS WEB AULA 8 PROF. RAFAEL DIAS RIBEIRO @RIBEIRORD

TECNOLOGIAS WEB AULA 8 PROF. RAFAEL DIAS RIBEIRO @RIBEIRORD TECNOLOGIAS WEB AULA 8 PROF. RAFAEL DIAS RIBEIRO @RIBEIRORD Objetivos: Apresentar os principais problemas de acessibilidade na Internet. Apresentar as principais deficiências e as tecnologias de apoio.

Leia mais

Avaliação do site lisbonfancytour.pt

Avaliação do site lisbonfancytour.pt Avaliação do site lisbonfancytour.pt Gerado a 21 de Novembro de 2015 19:20 PM O resultado é de 59/100 Conteúdo SEO Título Transfers Lisboa Cumprimento : 16 Perfeito, o Título contém entre 10 e 70 caracteres.

Leia mais

DESENVOLVIMENTO DE PÁGINAS PARA INTERNET

DESENVOLVIMENTO DE PÁGINAS PARA INTERNET UNIVERSIDADE ESTADUAL DE MARINGÁ PRÓ-REITORIA DE RECURSOS HUMANOS E ASSUNTOS COMUNITÁRIOS - PRH DIRETORIA DE RECURSOS HUMANOS - DRH DIVISÃO DE TREINAMENTO E DESENVOLVIMENTO TDE DESENVOLVIMENTO DE PÁGINAS

Leia mais

Manual de Gerenciamento de Conteúdo

Manual de Gerenciamento de Conteúdo Manual de Gerenciamento de Conteúdo 1 Sumário 1) O que é um Gerenciador de Conteúdo...3 2) Como o Site está Estruturado...3 3) Como Gerenciar o Conteúdo do Site...5 3.1) Adicionar Itens no Menu de Navegação...6

Leia mais

PROJETO DE ACESSIBILIDADE VIRTUAL DO IFRS Manual Rápido do NVDA. Sumário

PROJETO DE ACESSIBILIDADE VIRTUAL DO IFRS Manual Rápido do NVDA. Sumário PROJETO DE ACESSIBILIDADE VIRTUAL DO IFRS Manual Rápido do NVDA Sumário O que são leitores de Tela?... 1 O NVDA - Non Visual Desktop Access... 1 Procedimentos para Download e Instalação do NVDA... 2 Iniciando

Leia mais

Conheça o Projeto. Apresentação. Finalidade. Objetivo

Conheça o Projeto. Apresentação. Finalidade. Objetivo Manual do Usuário Índice Conheça o Projeto...3 Apresentação...3 Finalidade...3 Objetivo...3 Histórico...4 Usando o Portal...5 Efetuando o cadastro na biblioteca digital...5 Logando na Biblioteca Digital...6

Leia mais

Desenvolvimento Web. Saymon Yury C. Silva Analista de Sistemas. http://www.saymonyury.com.br

Desenvolvimento Web. Saymon Yury C. Silva Analista de Sistemas. http://www.saymonyury.com.br Desenvolvimento Web Saymon Yury C. Silva Analista de Sistemas http://www.saymonyury.com.br Vantagens Informação em qualquer hora e lugar; Rápidos resultados; Portabilidade absoluta; Manutenção facilitada

Leia mais

Manual do Painel Administrativo

Manual do Painel Administrativo Manual do Painel Administrativo versão 1.0 Autores César A Miggiolaro Marcos J Lazarin Índice Índice... 2 Figuras... 3 Inicio... 5 Funcionalidades... 7 Analytics... 9 Cidades... 9 Conteúdo... 10 Referência...

Leia mais

MANUAL DO NVDA Novembro de 2013

MANUAL DO NVDA Novembro de 2013 MANUAL DO NVDA Novembro de 2013 PROJETO DE ACESSIBILIDADE VIRTUAL Núcleo IFRS Manual do NVDA Sumário O que são leitores de Tela?... 3 O NVDA - Non Visual Desktop Access... 3 Procedimentos para Download

Leia mais

Avaliação dos Equívocos Descritos por Nielsen em Páginas Web

Avaliação dos Equívocos Descritos por Nielsen em Páginas Web Universidade Federal do Rio Grande do Sul Instituto de Informática Departamento de Informática Aplicada Interação Homem-Computador INF01043 Aluno: Leonardo Garcia Fischer Cartão UFRGS: 116627 Matrícula:

Leia mais

Plano de Aula - Word 2010 Avançado - cód.5546 24 Horas/Aula

Plano de Aula - Word 2010 Avançado - cód.5546 24 Horas/Aula Plano de Aula - Word 2010 Avançado - cód.5546 24 Horas/Aula Aula 1 Capítulo 1 - Introdução aos Recursos Avançados do Word Aula 2 Capítulo 2 - Salvar e Proteger Documentos Aula 3 Capítulo 3 - Formatar Textos

Leia mais

Conteúdo Programático do Web Design

Conteúdo Programático do Web Design Conteúdo Programático do Web Design O Ambiente Macromedia Dreamweaver Instalação do Dreamweaver Arquivos Utilizados na Apostila A Inicialização de Dreamweaver Área de Trabalho Dreamweaver Criação de uma

Leia mais

Checklist para ações de E-mail Marketing

Checklist para ações de E-mail Marketing Checklist para ações de E-mail Marketing Os tópicos abordados neste checklist são úteis antes de começar e depois de concluir o desenvolvimento de uma mensagem de email marketing, pois abrange desde os

Leia mais

Acessibilidade na Web para Deficientes Auditivos: Um Estudo de Caso do Site do Vestibular da UFG

Acessibilidade na Web para Deficientes Auditivos: Um Estudo de Caso do Site do Vestibular da UFG Acessibilidade na Web para Deficientes Auditivos: Um Estudo de Caso do Site do Vestibular da UFG Adoniran Dias Ribeiro Andrade, Renato de Freitas Bulcão Neto Instituto de Informática Universidade Federal

Leia mais

Coleção - Análises de email marketing em clientes de email

Coleção - Análises de email marketing em clientes de email Coleção - Análises de email marketing em clientes de email Introdução Nesta quinta edição da Coletânea de Análises de Email Marketing em Clientes de Email, apresentamos o estudo do Windows Mail, um cliente

Leia mais

Buscando Acessibilidade em Ambientes de EAD. Andréa Poletto Sonza e Daniela Menegotto CEFET Bento Gonçalves RS Junho 2008

Buscando Acessibilidade em Ambientes de EAD. Andréa Poletto Sonza e Daniela Menegotto CEFET Bento Gonçalves RS Junho 2008 Buscando Acessibilidade em Ambientes de EAD Andréa Poletto Sonza e Daniela Menegotto CEFET Bento Gonçalves RS Junho 2008 Tecnologia Assistiva CONCEITO: conjunto de artefatos disponibilizados às PNEs, que

Leia mais

Identidade Digital Padrão de Governo

Identidade Digital Padrão de Governo Identidade Digital Padrão de Governo Participantes do Projeto Presidência da República Secretaria de Comunicação SECOM Diretoria de Tecnologia DITEC Ministério do Planejamento Secretaria de Logística e

Leia mais

Tutorial Plone 4. Manutenção de Sites. Universidade Federal de São Carlos Departamento de Sistemas Web Todos os direitos reservados

Tutorial Plone 4. Manutenção de Sites. Universidade Federal de São Carlos Departamento de Sistemas Web Todos os direitos reservados Tutorial Plone 4 Manutenção de Sites Universidade Federal de São Carlos Departamento de Sistemas Web Todos os direitos reservados Sumário Introdução 1 Como fazer a autenticação do usuário 1.1 Através do

Leia mais

Professor Paulo Najar www.aprenderdigital.com.br

Professor Paulo Najar   www.aprenderdigital.com.br ~ 1 ~ O QUE É O BROFFICE? Broffice.org é o nome de um conjunto de programas de escritório livre (free software), disponível na internet gratuitamente (no site www.broffice.org) que oferece ferramentas

Leia mais

Área de Administração

Área de Administração Área de Administração versão 1.1 Partir de 2012/01/14 aplica-se para a versão phpcontact 1.2.x www.phpcontact.net Geral A área de administração é utilizado para uma fácil configuração do software elaboraçao

Leia mais

Informática Básica. Microsoft Word XP, 2003 e 2007

Informática Básica. Microsoft Word XP, 2003 e 2007 Informática Básica Microsoft Word XP, 2003 e 2007 Introdução O editor de textos Microsoft Word oferece um conjunto de recursos bastante completo, cobrindo todas as etapas de preparação, formatação e impressão

Leia mais

Facilidade e flexibilidade na web

Facilidade e flexibilidade na web Facilidade e flexibilidade na web palavras-chave: acessibilidade, usabilidade, web 2.0 Tersis Zonato www.tersis.com.br Web 2.0 o termo de marketing x a nova forma de conhecimento Web 2.0 O conceito começou

Leia mais

Mitos da Acessibilidade Web

Mitos da Acessibilidade Web SAPO Codebits 2008 Magda Joana Silva magdajoanasilva@gmail.com Acessibilidade Web igualdade de acesso a Web sites a pessoas com limitações Acessibilidade Web igualdade de acesso a Web sites a pessoas com

Leia mais

Web Design. Prof. Felippe

Web Design. Prof. Felippe Web Design Prof. Felippe 2015 Sobre a disciplina Fornecer ao aluno subsídios para o projeto e desenvolvimento de interfaces de sistemas Web eficientes, amigáveis e intuitivas. Conceitos fundamentais sobre

Leia mais

OPERAÇÃO DE SOFTWARE E APLICATIVOS

OPERAÇÃO DE SOFTWARE E APLICATIVOS OPERAÇÃO DE SOFTWARE E APLICATIVOS 1 SUMÁRIO 1 INTRODUÇÃO A WEB... 4 1.1 O QUE É A WORLD WIDE WEB?... 4 1.2 COMO FUNCIONA A WWW?... 4 1.3 SERVIDORES WEB... 4 1.4 BROWSERS... 4 1.5 PADRÕES DA WEB... 5 1.6

Leia mais

Gestores e Provedores

Gestores e Provedores PORTAL 2010 Manual do Portal 15 Gestores e Provedores Publicação descentralizada As informações, produtos e serviços disponibilizados no Portal são publicados e atualizados pelas próprias unidades do

Leia mais

Manual de Utilização do PLONE (Gerenciador de página pessoal)

Manual de Utilização do PLONE (Gerenciador de página pessoal) Manual de Utilização do PLONE (Gerenciador de página pessoal) Acessando o Sistema Para acessar a interface de colaboração de conteúdo, entre no endereço http://paginapessoal.utfpr.edu.br. No formulário

Leia mais

Interação Humano-Computador Design: estrutura e estética PROFESSORA CINTIA CAETANO

Interação Humano-Computador Design: estrutura e estética PROFESSORA CINTIA CAETANO Interação Humano-Computador Design: estrutura e estética PROFESSORA CINTIA CAETANO Arte X Engenharia Desenvolver Sistema Web é arte? A Web oferece espaço para arte...... mas os usuários também desejam

Leia mais

OFICINA BLOG DAS ESCOLAS

OFICINA BLOG DAS ESCOLAS OFICINA BLOG DAS ESCOLAS Créditos: Márcio Corrente Gonçalves Mônica Norris Ribeiro Março 2010 1 ACESSANDO O BLOG Blog das Escolas MANUAL DO ADMINISTRADOR Para acessar o blog da sua escola, acesse o endereço

Leia mais

Avaliação do site novintandis.com

Avaliação do site novintandis.com Avaliação do site novintandis.com Gerado a 08 de Setembro de 2015 14:45 PM O resultado é de 45/100 Conteúdo SEO نوین تندیس Título Cumprimento : 10 Perfeito, o Título contém entre 10 e 70 caracteres. Descrição

Leia mais

Desenvolvimento Web Introdução a XHTML. Prof. Bruno Gomes

Desenvolvimento Web Introdução a XHTML. Prof. Bruno Gomes Desenvolvimento Web Introdução a XHTML Prof. Bruno Gomes 2014 Introdução HTML e XHTML Estrutura básica do documento DTDs Validação do documento Exercícios HTML e XHTML HTML (Hipertext Markup Language)

Leia mais

Sumário. Os Créditos que Faltavam Introdução

Sumário. Os Créditos que Faltavam Introdução Sumário Os Créditos que Faltavam Introdução Parte Um: Bem-vindo à Web Capítulo 1: Preparação para a web 9 Apresentação da World Wide Web 9 Navegadores 10 Servidores web 14 Planejamento de um website 15

Leia mais

SGCD 2.2. Sistema Gerenciador de Conteúdo Dinâmico

SGCD 2.2. Sistema Gerenciador de Conteúdo Dinâmico Atualizado em 13/AGO/2012 Sistema Gerenciador de Conteúdo Dinâmico No final de 2007, o Serviço Técnico de Informática da UNESP Marília, disponibilizou para a comunidade acadêmica e administrativa o Sistema

Leia mais

0777 Processador de Texto

0777 Processador de Texto 0777 Processador de Texto Objectivo (s) Utilizar aplicações informáticas de processamento de texto. Processador de texto conceitos gerais Criação de um documento Abertura de documentos Gravação de documentos

Leia mais

XXIV SEMANA MATEMÁTICA

XXIV SEMANA MATEMÁTICA XXIV SEMANA ACADÊMICA DA MATEMÁTICA Minicurso: Produção de Páginas Web para Professores de Matemática Projeto de Extensão: Uma Articulação entre a Matemática e a Informática como Instrumento para a Cidadania

Leia mais

Coleção - Análises de email marketing em clientes de email

Coleção - Análises de email marketing em clientes de email Coleção - Análises de email marketing em clientes de email Introdução O Gmail possui duas versões distintas para seu webmail: uma mais recente, que é a versão atual utilizada pelos usuários de Gmail, e

Leia mais

DWEB. Design para Web. CSS3 - Fundamentos. Curso Superior de Tecnologia em Design Gráfico

DWEB. Design para Web. CSS3 - Fundamentos. Curso Superior de Tecnologia em Design Gráfico DWEB Design para Web Curso Superior de Tecnologia em Design Gráfico CSS3 - Fundamentos E não vos conformeis com este século, mas transformai-vos pela renovação da vossa mente, para que experimenteis qual

Leia mais

Apostila da Ferramenta AdminWEB

Apostila da Ferramenta AdminWEB Apostila da Ferramenta AdminWEB Apostila AdminWEB SUMÁRIO OBJETIVO DO CURSO... 3 CONTEÚDO DO CURSO... 4 COMO ACESSAR O SISTEMA... 5 CONHEÇA OS COMPONENTES DA PÁGINA... 6 COMO EFETUAR O LOGIN... 9 MANTER

Leia mais

SGCD 2.0 Sistema Gerenciador de Conteúdo Dinâmico

SGCD 2.0 Sistema Gerenciador de Conteúdo Dinâmico Sistema Gerenciador de Conteúdo Dinâmico Atualizado em 24/08/2011 No final de 2007, o Serviço Técnico de Informática da UNESP Marília, disponibilizou para a comunidade acadêmica e administrativa o Sistema

Leia mais

Boas Práticas de Desenvolvimento Seguro

Boas Práticas de Desenvolvimento Seguro Boas Práticas de Desenvolvimento Seguro Julho / 2.012 Histórico de Revisões Data Versão Descrição Autor 29/07/2012 1.0 Versão inicial Ricardo Kiyoshi Página 2 de 11 Conteúdo 1. SEGURANÇA DA INFORMAÇÃO

Leia mais

Índice. Manual de uso do Wordpress Produção de conteúdo. 1) Acesso ao Painel de Controle. 2) Ambientação na Ferramenta. 3) Inserir novo Post

Índice. Manual de uso do Wordpress Produção de conteúdo. 1) Acesso ao Painel de Controle. 2) Ambientação na Ferramenta. 3) Inserir novo Post Índice 1) Acesso ao Painel de Controle 2) Ambientação na Ferramenta 2.1) Posts 2.1.1) Adicionar novo post 2.1.2) Editar posts 2.2) Mídia 2.2.1) Tipos de Mídia 2.2.2) Biblioteca 2.2.3) Adicionar novo 3)

Leia mais

Produto IV: ATU SAAP. Manual de Referência

Produto IV: ATU SAAP. Manual de Referência Produto IV: ATU SAAP Manual de Referência Pablo Nogueira Oliveira Termo de Referência nº 129275 Contrato Número 2008/000988 Brasília, 30 de outubro de 2008 1 Sistema de Apoio à Ativideade Parlamentar SAAP

Leia mais

Enviar Para (Destinatário do Email - Para Revisão) > Botão Office Opções do Word Personalizar Todos os Comandos Enviar para Revisão

Enviar Para (Destinatário do Email - Para Revisão) > Botão Office Opções do Word Personalizar Todos os Comandos Enviar para Revisão Word 2003: Arquivo Novo > Botão Office Novo Abrir... > Botão Office Abrir Fechar > Botão Office Fechar Salvar > Barra de Ferramentas de Acesso Rápido Salvar Salvar > Botão Office Salvar Salvar como > Botão

Leia mais

REITORA Ulrika Arns. VICE-REITOR Almir Barros da Silva Santos Neto. DIRETOR DO NTIC Leonardo Bidese de Pinho

REITORA Ulrika Arns. VICE-REITOR Almir Barros da Silva Santos Neto. DIRETOR DO NTIC Leonardo Bidese de Pinho REITORA Ulrika Arns VICE-REITOR Almir Barros da Silva Santos Neto DIRETOR DO NTIC Leonardo Bidese de Pinho COORDENAÇÃO DE APOIO AO USUÁRIO Pierre Correa Martin 1 UNIVERSIDADE FEDERAL DO PAMPA NTIC NÚCLEO

Leia mais

Algoritmia e Programação APROG HTML. Introdução. Nelson Freire (ISEP DEI-APROG 2014/15) 1/15

Algoritmia e Programação APROG HTML. Introdução. Nelson Freire (ISEP DEI-APROG 2014/15) 1/15 APROG Algoritmia e Programação HTML Introdução Nelson Freire (ISEP DEI-APROG 2014/15) 1/15 O que é o HTML? Sumário Geral Documento HTML Elemento HTML Estrutura Básica de Documento HTML Elementos Títulos

Leia mais

PDI 1 - Projeto e Design de Interfaces Web

PDI 1 - Projeto e Design de Interfaces Web Introdução a HTML e XHTML Elementos básicos parte 2 Professor: Victor Hugo L. Lopes Agenda: --Aprofundando nos elementos básicos do HTML; --Criando Hiperlinks em HTML; 2 Estrutura básica de um documento

Leia mais

e-mag 3.0 Modelo de Acessibilidade em Governo Eletrônico Projeto de Acessibilidade Virtual da RENAPI SETEC/MEC Andréa Poletto Sonza

e-mag 3.0 Modelo de Acessibilidade em Governo Eletrônico Projeto de Acessibilidade Virtual da RENAPI SETEC/MEC Andréa Poletto Sonza e-mag 3.0 Modelo de Acessibilidade em Governo Eletrônico SETEC/MEC Andréa Poletto Sonza Brasília, 21 de Setembro de 2011 e-mag Acessibilidade Conceitos Por que acessibilidade? e-mag Histórico Versão 3.0

Leia mais

Tabela de pontos das regras antispam

Tabela de pontos das regras antispam Tabela de pontos das regras antispam Publicado em: 14/04/2008 Utilize as regras antispam ao seu favor Um dos fatores determinantes para a entrega de emails marketing nas caixas de entrada dos destinatários

Leia mais

MANUAL DE CONSULTA RÁPIDA PARA GESTÃO DE CONTEÚDO DO PORTAL INSTITUCIONAL PADRÃO CMS PLONE

MANUAL DE CONSULTA RÁPIDA PARA GESTÃO DE CONTEÚDO DO PORTAL INSTITUCIONAL PADRÃO CMS PLONE MANUAL DE CONSULTA RÁPIDA PARA GESTÃO DE CONTEÚDO DO PORTAL INSTITUCIONAL PADRÃO CMS PLONE IDENTIDADE PADRÃO DE COMUNICAÇÃO DIGITAL DO PODER EXECUTIVO FEDERAL versão 1 11/2014 Secretaria de Comunicação

Leia mais

Governo do Estado de Minas Gerais Secretaria de Estado de Planejamento e Gestão Subsecretaria de Gestão Diretoria Central de Gestão do Minas On-line

Governo do Estado de Minas Gerais Secretaria de Estado de Planejamento e Gestão Subsecretaria de Gestão Diretoria Central de Gestão do Minas On-line Governo do Estado de Minas Gerais Secretaria de Estado de Planejamento e Gestão Subsecretaria de Gestão Diretoria Central de Gestão do Minas On-line MANUAL DA RESOLUÇÃO SEPLAG Nº. 68/2008 Estabelece diretrizes

Leia mais

Vamos criar uma nova Página chamada Serviços. Clique em Adicionar Nova.

Vamos criar uma nova Página chamada Serviços. Clique em Adicionar Nova. 3.5 Páginas: Ao clicar em Páginas, são exibidas todas as páginas criadas para o Blog. No nosso exemplo já existirá uma página com o Título Página de Exemplo, criada quando o WorPress foi instalado. Ao

Leia mais

Manual 2010 Webmaster

Manual 2010 Webmaster Manual 2010 Webmaster Menu 1. Acesso ao sistema 2. Campanhas 2.1 Ver Campanhas Disponíveis 2.2 Minhas Campanhas 3. Formatos 3.1 Banners Automáticos 3.2 Banners Manuais 3.3 E-mail Marketing 3.4 Vitrines

Leia mais

Passo-a-Passo Curso do Sistema Eletrônico de Editoração de Revistas para Editor-Gerente

Passo-a-Passo Curso do Sistema Eletrônico de Editoração de Revistas para Editor-Gerente Passo-a-Passo Curso do Sistema Eletrônico de Editoração de Revistas para Editor-Gerente Versão do OJS/SEER 2.3.4 Universidade Federal de Goiás Sistema de Bibliotecas da UFG (SiBi) Gerência de Informação

Leia mais

Coleção - Análises de email marketing em clientes de email

Coleção - Análises de email marketing em clientes de email Coleção - Análises de email marketing em clientes de email Thunderbird e Terra Nesta terceira edição da Coletânea de Análises de Email Marketing em Clientes de Email, apresentamos os estudos do webmail

Leia mais

Curso Superior de Tecnologia em Análise e Desenvolvimento de Sistemas Prof. Felippe Scheidt IFPR Campus Foz do Iguaçu 2014/2

Curso Superior de Tecnologia em Análise e Desenvolvimento de Sistemas Prof. Felippe Scheidt IFPR Campus Foz do Iguaçu 2014/2 Curso Superior de Tecnologia em Análise e Desenvolvimento de Sistemas Prof. Felippe Scheidt IFPR Campus Foz do Iguaçu 2014/2 Objetivo. O objetivo da disciplina é conhecer os princípios da programação de

Leia mais

Acessibilidade no SIEP (Sistema de Informações da Educação Profissional e Tecnológica) Módulo de Acessibilidade Virtual CEFET Bento Gonçalves RS Maio 2008 ACESSIBILIDADE À WEB De acordo com Cifuentes (2000),

Leia mais

HTML (Hyper Text Markup Language) É a linguagem com que se escrevem as páginas web;

HTML (Hyper Text Markup Language) É a linguagem com que se escrevem as páginas web; HTML Introdução Introdução ao HTML HTML (Hyper Text Markup Language) É a linguagem com que se escrevem as páginas web; É uma linguagem de hipertexto; Permite escrever texto de forma estruturada, que está

Leia mais

Pré-requisito Conhecimento básico do sistema operacional Windows ou Mac OS.

Pré-requisito Conhecimento básico do sistema operacional Windows ou Mac OS. 1 e Descrição Este treinamento abortará conceitos essenciais de HTML e CSS para a construção de páginas web através do uso do Adobe, com a mínima necessidade de intervir ou escrever códigos, utilizando

Leia mais

Coleção - Análises de email marketing em clientes de email

Coleção - Análises de email marketing em clientes de email Coleção - Análises de email marketing em clientes de email Introdução Nesta sexta e penúltima edição da Coletânea de Análises de Email Marketing em Clientes de Email, apresentamos os estudos dos clientes

Leia mais

Parte I Introdução ActionScript_30_01.indd 1 5/11/2010 08:29:29

Parte I Introdução ActionScript_30_01.indd 1 5/11/2010 08:29:29 Parte I Introdução ActionScript_30_01.indd 1 5/11/2010 08:29:29 ActionScript_30_01.indd 2 5/11/2010 08:29:34 Aprendendo uma nova linguagem... ActionScript é uma linguagem e, como um novo idioma ou a linguagem

Leia mais

Minicurso introdutório de desenvolvimento para web em HTML5. Cristiano Costa

Minicurso introdutório de desenvolvimento para web em HTML5. Cristiano Costa Minicurso introdutório de desenvolvimento para web em HTML5 Cristiano Costa Sobre mim Graduando em Engenharia Eletrônica - UNIFEI Trabalhou em desenvolvimento de sistemas empresariais (Base em servidores

Leia mais

Desenvolvedor Web Docente André Luiz Silva de Moraes

Desenvolvedor Web Docente André Luiz Silva de Moraes Roteiro 2: Introdução a Linguagem HTML Neste roteiro é explorada a linguagem HTML. A linguagem HTML (Hypertext Markup Language) é amplamente utilizada na construção de páginas de internet e é responsável

Leia mais

Faculdade de Ciências Médicas FCM Unicamp Núcleo de Tecnologia de Informação NTI

Faculdade de Ciências Médicas FCM Unicamp Núcleo de Tecnologia de Informação NTI Manual do usuário Desenvolvendo páginas em Drupal Faculdade de Ciências Médicas FCM Unicamp Núcleo de Tecnologia de Informação NTI Conteúdo Primeiro Passo... 3 1.1 Login... 3 1.2 Recuperando a Senha...

Leia mais

HTML / JAVASCRIPT. A versão atual é o HTML5 (seus predecessores imediatos são HTML 4.01, XHTML 1.1, etc.).

HTML / JAVASCRIPT. A versão atual é o HTML5 (seus predecessores imediatos são HTML 4.01, XHTML 1.1, etc.). HTML / JAVASCRIPT Estamos iniciando o estudo do HTML através das TAGS (comandos) para construir formulários. Isso facilitará a continuidade dos nossos estudos da linguagem de programação JavaScript, a

Leia mais

HTML5. Prof. Salustiano Rodrigues de Oliveira saluorodrigues@gmail.com www.profsalu.com.br

HTML5. Prof. Salustiano Rodrigues de Oliveira saluorodrigues@gmail.com www.profsalu.com.br HTML5 Prof. Salustiano Rodrigues de Oliveira saluorodrigues@gmail.com www.profsalu.com.br HTML5 HTML5 é considerada a próxima geração do HTML e suas funcionalidades inovadoras o tornam uma alternativa

Leia mais

Dimensões e características da Web brasileira: um estudo do.gov.br. Agosto de 2010

Dimensões e características da Web brasileira: um estudo do.gov.br. Agosto de 2010 Dimensões e características da Web brasileira: um estudo do.gov.br Agosto de 2010 Agenda: Introdução Objetivos da pesquisa Desafios técnicos para o estudo da Web Análise dos resultados O que é o Projeto

Leia mais

> Herbet Ferreira Rodrigues > contato@herbetferreira.com

> Herbet Ferreira Rodrigues > contato@herbetferreira.com Curso HTML & CSS > Herbet Ferreira Rodrigues > contato@herbetferreira.com Sumário > Apresentação > Introdução ao HTML História Começando a Programar > Tags em HTML Headings (Cabeçalhos) Parágrafos Formatação

Leia mais

Adaptação de materiais digitais. Manuela Francisco manuela.amado@gmail.com

Adaptação de materiais digitais. Manuela Francisco manuela.amado@gmail.com Adaptação de materiais digitais Manuela Francisco manuela.amado@gmail.com Plano da sessão Tópicos Duração Documentos acessíveis: porquê e para quem. Diretrizes de acessibilidade Navegabilidade, legibilidade

Leia mais

MINISTÉRIO DO DESENVOLVIMENTO AGRÁRIO SUBSECRETARIA DE PLANEJAMENTO, ORÇAMENTO E ADMINISTRAÇÃO COORDENAÇÃO-GERAL DE MODERNIZAÇÃO E INFORMÁTICA

MINISTÉRIO DO DESENVOLVIMENTO AGRÁRIO SUBSECRETARIA DE PLANEJAMENTO, ORÇAMENTO E ADMINISTRAÇÃO COORDENAÇÃO-GERAL DE MODERNIZAÇÃO E INFORMÁTICA MINISTÉRIO DO DESENVOLVIMENTO AGRÁRIO SUBSECRETARIA DE PLANEJAMENTO, ORÇAMENTO E ADMINISTRAÇÃO COORDENAÇÃO-GERAL DE MODERNIZAÇÃO E INFORMÁTICA SACI LIVRE SISTEMA DE ADMINISTRAÇÃO DE CONTEÚDO INSTITUCIONAL

Leia mais

Publicação web. Será ativado um assistente de publicação que lhe guiará em todas as etapas a seguir apresentadas.

Publicação web. Será ativado um assistente de publicação que lhe guiará em todas as etapas a seguir apresentadas. Publicação web Pré requisitos: Lista de questões Formulário multimídia Este tutorial tem como objetivo, demonstrar de maneira ilustrativa, todos os passos e opções que devem ser seguidos para publicar

Leia mais

Desenvolvimento de Sites com PHP e Mysql Docente André Luiz Silva de Moraes

Desenvolvimento de Sites com PHP e Mysql Docente André Luiz Silva de Moraes Roteiro 2: Introdução a Linguagem HTML Desenvolvimento de Sites com PHP e Mysql Neste roteiro é explorada a linguagem HTML. A linguagem HTML (Hypertext Markup Language) é amplamente utilizada na construção

Leia mais

FORMULÁRIOS ACESSÍVEIS

FORMULÁRIOS ACESSÍVEIS Ministério da Educação Secretaria de Educação Profissional e Tecnológica IFRS Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Sul NAV Núcleo de Acessibilidade Virtual FORMULÁRIOS ACESSÍVEIS

Leia mais

Avaliação do site ddrspielzeug.com

Avaliação do site ddrspielzeug.com Avaliação do site ddrspielzeug.com Gerado a 29 de Outubro de 2015 20:12 PM O resultado é de 54/100 Conteúdo SEO Título DDR Spielzeug Webseite DDRspielzeug Spielzeug der DDR Ostspielzeug Spielzeugsammler

Leia mais