IBM Tealeaf cximpact Versão 9 4 de dezembro de Guia de Relatório do Tealeaf

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "IBM Tealeaf cximpact Versão 9 4 de dezembro de 2014. Guia de Relatório do Tealeaf"

Transcrição

1 IBM Tealeaf cximpact Versão 9 4 de dezembro de 2014 Guia de Relatório do Tealeaf

2 Nota Antes de utilizar estas informações e o produto suportado por elas, leia as informações em Aisos na página 185. Esta edição se aplica à ersão 9, liberação 0, modificação 0 do IBM Tealeaf cximpact e à todas as liberações e modificações subsequentes até que seja indicado de outra forma em noas edições. Copyright IBM Corporation 1999, 2014.

3 Índice Guia de Relatório do Tealeaf..... ii Capítulo 1. Visão Geral do Relatório do Tealeaf Visão Geral dos Dados do Tealeaf Tealeaf Data for Reporting Relatórios Empacotados Relatório para administradores do Tealeaf... 3 Tipos de Relatórios do Tealeaf Construtor de Relatório do Tealeaf Relatórios dos Moimentadores Superiores... 3 Pontuações e Painéis Construtor de Relatório do Visitante do Tealeaf.. 3 Relatórios de Planejamento Bancos de Dados do Tealeaf Reunindo Dados do Relatório Coletor de Dados Extrator de Banco de Dados de Visitante Modelo de dados do Tealeaf Visão Geral Estrutural Fundamentos Pensando sobre Eentos Eentos Alertas Grupos de relatórios Dimensões Fatos Valores Fáticos Conceitos de Relatório Capítulo 2. Analisando Dados do Tealeaf Relatórios de Atiidades Cenário E2E - Obtendo Valor do Tealeaf em Uma Hora Contagem de Sessões Contagem de Ocorrências Contagem de Páginas Contagem de Ocorrências de CUI Geração de Página Tamanho da Página Duração da sessão Média/Máximo de Ocorrências da Sessão Tamanho de Sessão Méd./Máx Tráfego (MB) Roundtrip Trip na Rede Contagem de Sessões com uma Ocorrência Proporção de Sessões com uma Ocorrência Contagem de Cancelamentos de Sol Contagem Total de Fatos Fatos/Ocorrência Fatos/Sessão Atiidade de Eento Relatório de Atiidade de Eento Exportando do Relatório de Atiidade de Eentos Notas sobre Procuras Executadas por meio de Drill Downs do Relatório de Eentos Contagens no Relatório Atiidades de Eentos. 47 Outros Relatórios de Eentos Analisando Moimentadores Superiores Visão Geral (Oeriew) Fluxo de Trabalho Barra de Ferramentas Incluindo Moimentadores Superiores Incluindo Dimensões Janela do Relatório Modo de Cálculo Descrição do Gráfico Tabela de Detalhes do Moimentador Problemas de Exibição de Relatório Alterando o Período de Foco Relatório de Permissões de Acesso Planejamentos de Relatório Exportar Incluindo Relatórios em Painéis Opções Modo de Relatório Limite Visual Cálculos de Desio Modo de Cálculo de Moimentadores Superiores 69 Atualizações Cálculos Básicos Cálculo de STD de Exemplo para Moimentador Superior Moimentadores de Proporção Analisando o Desempenho Configurando Relatórios de Desempenho Barra de Ferramentas Seletor de Interalo de Data Opções Drill Downs na Dimensão URL Notas sobre Cálculos Relatório de Desempenho do Cliente Gráfico de Tempos de Renderização Gráfico de Imagens Quebradas Gráfico de Alertas de JaaScript Campos de Tabela Relatórios Detalhados por URL Relatório Conexões Cálculos de Relatório Relatório Detalhado Tipos de Conexão Relatório Tempo de Resposta Relatório Detalhado Tempo de Resposta Termos e Definições Tempo de Geração de Página Tempo da Rede Tempo de Percurso Circular Tempo de Processamento da Página Tempo de Permanência da Página Copyright IBM Corp. 1999, 2014 iii

4 Exportar Referências Painel Métricas Técnicas do Site Visão Geral do Painel Comandos do Componente do Painel Visualizando Relatórios de Origem Guia Relatórios de Atiidades Contagem de Sessões com uma Ocorrência Proporção de Sessões com uma Ocorrência Contagem de Sessões Contagem de Ocorrências Contagem de Páginas Contagem de Ocorrências de CUI Geração de Página Tamanho da Página Duração da sessão Média/Máximo de Ocorrências da Sessão Tamanho de Sessão Méd./Máx Tráfego (MB) Roundtrip Trip de Rede_a Contagem de Cancelamentos de Sol Contagem Total de Fatos Fatos/Ocorrência Fatos/Sessão Guia Relatórios de Desempenho Tempo de Resposta Segmentada Páginas Superiores Capítulo 3. Construtor de Relatório do Tealeaf Construindo Relatórios Fluxo de Trabalho Básico Construindo Estruturas de Dados de Relatório 114 Barra de Ferramentas Painel do Seletor de Dados Detalhes do Relatório Relatórios Fornecidos pelo Tealeaf Incluindo Eentos Dimensão de Eento Automático Menus de Contexto de Eento Contagens de Dados do Eento Incluindo Funções Incluindo Proporções Menu de Contexto Proporção Incluindo Dimensões Menu de Contexto Dimensão Localizando Eentos Associados a uma Dimensão Limitações em Dados do Gráfico Codificação de Cores de Dimensão Filtragem de Dimensão Incluindo Segmentos Seletor de Data Comparar Interalo Janela Gráfico Descrição do Gráfico Tipos de Gráfico Dados do Eento em Gráficos Efeito de Dimensões do eixo X em Relatórios 140 Efeito de Dimensões do Eixo Y em Relatórios 142 i IBM Tealeaf cximpact: Guia de Relatório do Tealeaf Efeitos de Dimensões em Proporções Procuras de Drill Down Opções de Relatório Guia Exibição Guia Aançado Guia Ordem do Item de Dados Guia de Segurança Salando Salar Relatório Salar Relatório Como Incluir no Painel Importação/Exportação Planejamentos de Relatório Exportar Gerenciador de Relatório Mensagens de Erro Capítulo 4. Gerenciador de Relatório 159 Visão Geral (Oeriew) Tipo de Relatório Selecionar Relatório Propriedades de Relatórios Guia Propriedades Gerais Guia Permissões de Acesso Planejamentos de Relatório Planejamento de Relatório - Guia Geral Planejamento de Relatório - Guia Histórico Etiquetas de Relatório Criando Etiquetas de Relatório Incluindo Etiquetas em Relatórios Remoendo Etiquetas de um Relatório Excluindo Etiquetas de Relatório Importando e Exportando Relatórios Exportando Dados do Relatório Modelos de Relatórios Exportando Modelos de Relatórios Limitações Fluxo de Trabalho Recomendado Etapas para Exportar Modelo Importando Modelos de Relatórios Capítulo 5. Relatórios Fornecidos pelo Tealeaf Relatórios de Atiidades Relatórios de Desempenho Atiidade de Eento Moimentadores Superiores Relatório sobre Segmentos Painéis do Tealeaf Relatórios para Administradores do Tealeaf Status do Sistema Estatísticas do Sistema Atiidade do Usuário Tamanho Médio da Sessão e Duração por relatório de Plataforma Tamanho Médio da Sessão e Duração por relatório de Plataforma Tamanho Médio da Sessão e Duração por relatório de Plataforma

5 Tamanho Médio da Sessão e Duração por relatório de Plataforma Tamanho Médio da Sessão e Duração por relatório de Plataforma Tamanho Médio da Sessão e Duração por relatório de Plataforma Tamanho Médio da Sessão e Duração por relatório de Plataforma Tamanho Médio da Sessão e Duração por relatório de Plataforma Tamanho Médio da Sessão e Duração por relatório de Plataforma Tamanho Médio da Sessão e Duração por relatório de Plataforma Tamanho Médio da Sessão e Duração por relatório de Plataforma Tamanho Médio da Sessão e Duração por relatório de Plataforma Tamanho Médio da Sessão e Duração por relatório de Plataforma Capítulo 6. Documentação e ajuda do IBM Tealeaf Aisos Marcas Registradas Considerações de Política Priada Índice

6 i IBM Tealeaf cximpact: Guia de Relatório do Tealeaf

7 Guia de Relatório do Tealeaf O Guia de Relatório do Tealeaf fornece uma isão geral abrangente dos recursos de relatório do Tealeaf e relatórios que são fornecidos pelo Tealeaf em sua solução. Use os links a seguir para acessar tópicos específicos no manual. Para obter informações adicionais sobre como usar o Tealeaf Portal, consulte o Manual do Usuário do IBM Tealeaf cximpact. Copyright IBM Corp. 1999, 2014 ii

8 iii IBM Tealeaf cximpact: Guia de Relatório do Tealeaf

9 Capítulo 1. Visão Geral do Relatório do Tealeaf Atraés do Portal, usuários e administradores do Tealeaf podem acessar e criar relatórios para monitorar dados que são capturados pelo Tealeaf e pelo conjunto de aplicatios Tealeaf. O Tealeaf fornece um conjunto de relatórios predefinidos que permitem o acesso rápido a contagens agregadas, somas e médias de métricas importantes em seu aplicatio da web. Esses relatórios fornecem alor imediato à solução do Tealeaf e é possíel perguntar e responder a questões chae sobre os problemas do aplicatio, o funcionamento geral e o desempenho. A solução de relatório do Tealeaf fornece coleta de dados regular, que são rapidamente reunidos e agregados para inserção nos bancos de dados do Tealeaf. Esses dados ficam disponíeis imediatamente para uso no relatório. Essas informações fornecem uma isão geral de relatórios que são fornecidos pelo Tealeaf e como os usuários do Tealeaf podem criar rapidamente relatórios com insight por meio do Tealeaf Portal. Informações adicionais são fornecidas sobre como os dados são capturados e agregados para propósitos de relatório. Visão Geral dos Dados do Tealeaf Quando os dados da sessão do isitante são capturados pelo Aplicatio de Captura Passia, eles são encaminhados a um Seridor de Processamento, no qual processamento adicional é executado para analisar seu conteúdo para, entre outras coisas, relatório. À medida que ocorrências são processadas, o Seridor de Processamento mantém contagens de eentos indiiduais e outros dados relacionados à sessão. Em interalos de cinco minutos, essas contagens são reunidas a partir do Seridor de Processamento e classificadas em depósitos de hora em hora no banco de dados de Relatório. Esses dados ficam, então, disponíeis para relatório. Consulte "Fluxo de Dados do Tealeaf" no Manual do Usuário do IBM Tealeaf cximpact. Tealeaf Data for Reporting Para propósitos de relatório, os objetos de dados chae do Tealeaf são eentos, dimensões, atributos da ocorrência e atributos da sessão. Essas entidades criadas pelo usuário podem ser projetadas para monitorar métricas chae em seu aplicatio da web e no próprio sistema do Tealeaf. Termo Descrição Atributo da Sessão Um atributo de sessão é uma ariáel associada à sessão que pode ser atualizada durante ou após a sessão ser concluída. Por exemplo, o Tealeaf fornece um atributo da sessão para controlar o identificador de login de isitantes para o seu aplicatio da web. Após esse atributo da sessão ser configurado corretamente, ele contém o identificador de login assim que for detectado. Consulte "Guia Atributos da Sessão do TEM" no Manual do Gerenciador de Eentos do IBM Tealeaf. Para obter informações adicionais sobre como configurar o identificador de login, consulte "Cenário do E2E - Configurar ID de Login para ser Procuráel" no Manual do Usuário do IBM Tealeaf cximpact. Copyright IBM Corp. 1999,

10 Relatórios Empacotados Atributo da Ocorrência Um atributo de ocorrência é um padrão de texto que ocorre em uma solicitação ou resposta indiidual. Por exemplo, é possíel criar um atributo de ocorrência para detectar a presença de mensagem de erro de seu aplicatio da web, como "Opa!, um erro!", na resposta. Consulte "Guia Atributos da ocorrência do TEM" no Manual do IBM Tealeaf Eent Manager. Eento Um eento é um marcador para uma condição nos dados da sessão. É possíel criar eentos para monitorar o tamanho da sessão, a duração em segundos e muita outras métricas. Além disso, é possíel usar eentos para tabular as contagens de padrões específicos nos dados. Por exemplo, é possíel criar um eento que é acionado com base no atributo de ocorrência "Opa!, um erro!". Para propósitos de relatório, é possíel, então, tabular a contagem desses erros em sessões de seus isitantes. Consulte "Guia Eentos do TEM" no Manual do IBM Tealeaf Eent Manager. Dimensão Uma dimensão é informações contextuais que são capturadas como parte do registro de um eento. Por exemplo, se tier criado o eento para detectar a presença de "Opa!, um erro!" na página, é possíel associar uma dimensão ao eento para registrar a URL na qual o erro ocorreu. Esses dados dimensionais são registrados com o eento quando ele ocorre. Consulte "Guia Dimensões do TEM" no Manual do IBM Tealeaf Eent Manager. Para obter informações adicionais sobre objetos de dados do Tealeaf, consulte "Modelo de Dados do Tealeaf" no Guia de Relatório do IBM Tealeaf. O Tealeaf fornece uma série de relatórios para permitir que os usuários descubram alor rapidamente na solução do Tealeaf sem requerer configuração adicional de quaisquer objetos de dados. Esses relatórios empacotados fornecem insight útil para as sessões, eentos, isitantes e atiidades em seu aplicatio da web. Consulte o Capítulo 5, Relatórios Fornecidos pelo Tealeaf, na página 173. Tipo Descrição Atiidade de Eento Esse relatório do Portal permite a reisão das contagens de eentos atios. Consulte o Atiidade de Eento na página 44. Relatórios de Atiidades Esses relatórios resumem as métricas de desempenho de sessões, eentos e aplicatios da web. Consulte o Relatórios de Atiidades na página 23. O Tealeaf fornece um painel que resume os problemas de desempenho do aplicatio da web que estão contidos nos relatórios de Atiidades. Consulte o Painel Métricas Técnicas do Site na página 98. Relatórios de Desempenho Esses relatórios fornecem insight no desempenho cliente-seridor entre os naegadores da web de seus isitantes e seu seridor da web. Consulte o Analisando o Desempenho na página IBM Tealeaf cximpact: Guia de Relatório do Tealeaf

11 Relatório para administradores do Tealeaf Por meio do Tealeaf Portal, os administradores do sistema podem acessar diersos relatórios, que podem ser usados para monitorar o funcionamento geral do sistema e também para diagnosticar problemas específicos com a solução do Tealeaf. Tipos de Relatórios do Tealeaf Consulte "Relatório para Administradores do Tealeaf" no Manual de Administração do IBM Tealeaf cximpact. É possíel criar relatórios com diferentes opções disponíeis no Tealeaf Portal. Construtor de Relatório do Tealeaf Após adquirir algum entendimento dos objetos de dados disponíeis e suas funções, é possíel iniciar a construção de seus próprios relatórios ad hoc por meio do Portal. O Construtor de Relatório do Tealeaf fornece uma interface simples de arrastar e soltar por meio da qual é possíel incluir eentos e dimensões para criar perspectias interessantes sobre os isitantes e seus comportamentos dentro de seu aplicatio da web. Consulte o Capítulo 3, Construtor de Relatório do Tealeaf, na página 111. Relatórios dos Moimentadores Superiores Moimentadores Superiores podem ser configurados para monitorar as mudanças em métricas chae com o passar do tempo para seu site. Por exemplo, se ocê estier interessado em tamanho da sessão, é possíel criar um Moimentador Superior para monitorar as mudanças no tamanho da sessão ao longo do tempo. Por meio de uma interface de relatório que é semelhante ao Construtor de Relatório do Tealeaf, é possíel criar relatórios para monitorar essas mudanças de forma que aumentos e quedas do tamanho esperado possam ser rapidamente identificados e gerenciados antes que eles se tornem problemas. Consulte o Analisando Moimentadores Superiores na página 47. Pontuações e Painéis Se ocê tier licenciado o cxview, é possíel criar pontuações e painéis que são baseados nos componentes de relatório que ocê criar no Construtor de Relatório do Tealeaf. Esses boletins isuais podem ser gerados conforme necessário e entregues às partes interessadas regularmente de forma planejada. Eles também estão disponíeis conforme necessário por meio do Portal. Consulte "Usando Pontuações" no Manual do Usuário do IBM Tealeaf cxview. Consulte "Usando Painéis" no Manual do Usuário do IBM Tealeaf cxview. Construtor de Relatório do Visitante do Tealeaf Nota: O Construtor de Relatório do Visitante do Tealeaf é um componente do cxresults, um componente licenciáel separado da plataforma do Tealeaf CX. Para obter informações adicionais, Entre em contato com seu representante do IBM Tealeaf. Para cxresults, o Tealeaf fornece uma ferramenta de relatório separada, a qual atia os recursos de relatório ad hoc semelhantes aos do Construtor de Relatório do cximpact. Usando um conjunto de sessões que ocê define, é possíel aplicar os eentos e proporções para identificar critérios chae baseados no isitante que afetam seus clientes. Capítulo 1. Visão Geral do Relatório do Tealeaf 3

12 Relatórios de Planejamento Bancos de Dados do Tealeaf Consulte "Construtor de Relatório do Visitante do Tealeaf" no Manual do Usuário do IBM Tealeaf cxresults User Manual. Conforme necessário, relatórios criados no Construtor de Relatório do Tealeaf ou na ferramenta de relatório do Moimentador Superior podem ser planejados para execução e entrega às partes interessadas. Consulte o Capítulo 4, Gerenciador de Relatório, na página 159. Reunindo Dados do Relatório Dados de relatório agregados são armazenados em bancos de dados SQL Serer. Produto Descrição cximpact Dados da sessão do cximpact são agregadas e armazenados no banco de dados de Relatório. Informações de desempenho adicionais sobre o sistema Tealeaf são armazenadas no banco de dados de Estatísticas. Consulte "Bancos de Dados do CX" no Guia de Bancos de Dados do IBM Tealeaf. cxreeal Atraés do banco de dados do cxreeal, usuários do Tealeaf têm acesso muito mais rápido para sessões baseadas em atributos de sessão capturados e rastreados, que são armazenados para procura no banco de dados. Nota: O banco de dados do cxreeal é um componente do cxreeall, um componente licenciáel separado da plataforma do Tealeaf CX. Para obter informações adicionais, Entre em contato com seu representante do IBM Tealeaf. Consulte "Bancos de Dados do cxreeal" no Guia de Bancos de Dados do IBM Tealeaf. cxresults Dados de relatório são extraídos e inseridos nos bancos de dados de Visitante em um processo em duas etapas. Na primeira etapa, os dados da sessão são extraídos pelo Extrator do Banco de Dados de Visitante e inseridos no banco de dados de Temporariedade. Posteriormente, os dados nesse banco de dados são inseridos no banco de dados de Relatório, a partir do qual todos os relatórios do cxresults são deriados. Nota: O banco de dados de Visitante é um componente do cxresults, um componente licenciáel separado da plataforma do Tealeaf CX. Para obter informações adicionais, Entre em contato com seu representante do IBM Tealeaf. Consulte "Bancos de Dados do cxresults" no Guia de Bancos de Dados do IBM Tealeaf. Dependendo dos produtos Tealeaf em uso, os dados do relatório são reunidos por um seriço independente em interalos planejados regularmente e inseridos no banco de dados para disponibilidade de relatório imediata. 4 IBM Tealeaf cximpact: Guia de Relatório do Tealeaf

13 Coletor de Dados A cada cinco minutos, o Coletor de Dados pesquisa cada Seridor de Processamento para as contagens de eentos, atributos de ocorrência e atributos de sessão. Esse processo independente normalmente não requer nenhuma configuração adicional. Os administradores do Tealeaf podem configurar os recursos e o desempenho do Coletor de Dados usando diersas configurações acessíeis pelo Portal. Consulte "Agregação e Retenção de Dados" no Manual de Administração do IBM Tealeaf cximpact. Para obter informações adicionais sobre todas as configurações do Coletor de Dados, consulte "Configurações do CX" no Manual de Administração do IBM Tealeaf cximpact. O Coletor de Dados pode ser monitorado por meio do Tealeaf Portal. Consulte "Gerenciando Seridores Tealeaf" no Manual de Administração do IBM Tealeaf cximpact. Extrator de Banco de Dados de Visitante Modelo de dados do Tealeaf Nota: O Extrator de Banco de Dados de Visitante é um componente do cxresults, um componente licenciáel separado da plataforma do Tealeaf CX. Para obter informações adicionais, Entre em contato com seu representante do IBM Tealeaf. Se ocê tier cxresults licenciado, um seriço separado é usado para extrair dados de sessão e de eentos dos Seridores de Processamento e inserir os mesmos no banco de dados de cxresults. A cada 15 minutos, o Extrator de Banco de Dados de Visitante é atiado para executar essa extração e inserção das sessões e eentos disponíeis. O Extrator de Banco de Dados de Visitante é gerenciado por meio do Seriço de Planejamento do Tealeaf, que pode ser atiado e configurado pelos administradores do Tealeaf. Consulte "Configurando o Seriço de Planejamento" no Manual de Configuração do IBM Tealeaf CX. Para obter informações adicionais sobre como configurar o Extrator de Banco de Dados de Visitante, consulte "Configurações do cxresults" no Manual de Administração do IBM Tealeaf cximpact. O Tealeaf Report Builder usa um modelo de dados dimensionais que é preenchido por mecanismos baseados em eentos para entregar um recurso de relatório de potência e flexibilidade sem precedentes para gerenciar a experiência de cliente de seu aplicatio da web. Eentos e mecanismos relacionados a eentos são desenolidos e testados por meio do Tealeaf Eent Manager, que é integrado ao Tealeaf Portal. Consulte "Tealeaf Eent Manager" no Manual do IBM Tealeaf Eent Manager. Estas informações fornecem uma isão geral dos termos conceituais e relacionamentos de dados do modelo de dados de eentos e relatórios do Tealeaf. Para usuários de longo prazo do Tealeaf, as seções a seguir incluem informações sobre como o modelo de dados de relatório mudou da Liberação 7.x para a ersão atual. Capítulo 1. Visão Geral do Relatório do Tealeaf 5

14 Visão Geral Estrutural Um eento é uma condição que é detectada no fluxo de dados da sessão que aciona uma ação. Consulte o Eentos na página 10. Um atributo da ocorrência é uma tag de início e uma tag de finalização especificadas nos dados da sessão que podem ser referidas como uma condição para um ou mais eentos. Atributos da Ocorrência também podem ser sequências de texto explícitas nos dados. Nota: Atributos da Ocorrência não são diretamente aplicáeis a relatórios. Atributos da Ocorrência são definidos no Tealeaf Eent Manager. Consulte "Guia Atributos da ocorrência do TEM" no Manual do IBM Tealeaf Eent Manager. Um eento é associado a um ou mais grupos de relatórios, que são coletas de dimensões em que é possíel relatar simultaneamente. Consulte o Grupos de relatórios na página 16. Um dimensão é uma lista de alores associados a um eento. Essa lista de alores pode ser fixa ou pode ser gerada a partir do fluxo de dados da sessão a cada hora. Consulte o Dimensões na página 17. Um fato é a entidade de dados que combina um eento eumgrupo de relatórios. Fatos são o mecanismo de armazenamento essencial para relatar dados. Consulte o Fatos na página 19. Alguns fatos podem ter alores fáticos, que são os dados da instância de eento que podem ser configurados na definição de eento. Consulte o Valores Fáticos na página 19. Uma etiqueta é um mecanismo de agrupamento para objetos de eento e de dimensão. É possíel organizar um conjunto de objetos relacionados sob uma única etiqueta. Etiquetas não têm impacto no processamento de dados. Fundamentos O Tealeaf captura todas as transações HTTP ou HTTPS entre os isitantes de seu aplicatio da web e os seridores que entregam o aplicatio a eles. Cada solicitação do isitante e a resposta correspondente do seridor da web são encaminhados ao Tealeaf para captura, processamento, análise e relatório. Uma solicitação é uma mensagem que é eniada do cliente, normalmente do naegador do isitante, para o seridor para um ou mais arquios. Uma resposta é as informações que são eniadas do seridor da web de olta ao cliente. Qualquer conteúdo binário na resposta geralmente é descartado da captura do Tealeaf. Uma única solicitação e uma única resposta juntas formam uma ocorrência, que é a unidade básica de captura no Tealeaf. A sequência de ocorrências que são capturadas a partir da experiência contígua de um único isitante com seu aplicatio da web é uma sessão. Consulte "Conceitos básicos do Tealeaf" em Conceitos básicos do IBM Tealeaf. Pensando sobre Eentos Antes de começar a construção de eentos, ocê dee gastar algum tempo considerando como eentos podem ser usados para modelar os processos de negócios refletidos em seu aplicatio da web. Essas informações fornecem algumas considerações diretas sobre como construir eentos para gerenciar categorias importantes de informações sobre seu aplicatio da web. 6 IBM Tealeaf cximpact: Guia de Relatório do Tealeaf

15 KPIs Principais Indicadores de Desempenho (KPIs) são as métricas definidas para medir sucesso com relação aos objetios estratégicos. Antes de iniciar, ocê dee tentar identificar conceitualmente quais são as métricas para determinar se seu aplicatio da web está buscando e atingindo os objetios corporatios. Esses objetios podem incluir: Aumentar renda a partir do site Aumentar reconhecimento de marca entre os isitantes Aumentar o tamanho da base de usuário de seu site Diminuir o olume de chamadas em sua central de atendimento Objetios específicos incluem as métricas a seguir: Taxas de conersão para o processo de check-out alor médio de pedido Porcentagem de procura do mecanismo de procura que usam uma palara-chae patrocinada ou de marca Registros do site por sequência de cliques da campanha Número médio de chamadas à central de atendimento por isita ao site Também é possíel usar KPIs para identificar aspectos do site que não funcionaram, como: Número de cartões de crédito recusados Falhas gerais para conerter processo de negócios (processo é iniciado, mas nunca concluído) Tempo de geração do seridor lea muito tempo Erros no níel do aplicatio Erros de sistema Às ezes, identificar essas condições para eentos de construção para controlá-los não é intuitio. Por exemplo, dependendo de como seu aplicatio da Web é construído, o eento de usuário básico "abandonar o processo de check-out" pode incluir os eentos a seguir como etapas de falha: Voltar às páginas de produtos Clicar em um link Fale Conosco Abrir páginas de Perguntas Frequentes Se for possíel desenoler eentos separados nesses itens e, em seguida, consolidá-los em um único eento "Abandonar Processo", é possíel analisar rapidamente as origens mais comuns de abandono do cliente. Também é possíel criar eentos identificados como abandonados, mas o motio para os quais é desconhecido. Por exemplo, é possíel criar um eento que erifique a condição geral de abandono e as condições NÃO dos métodos de abandono identificados. Ao identificar o desconhecido, é possíel iniciar a exploração dos motios para o desconhecimento. KPIs geralmente são definidos como um ou mais eentos inculados, que surgem em relatórios ou pontuações. Nota: cxview suporta desenolimento e publicação de pontuações de KPI. Consulte "Configurando Pontuações de KPI" no Manual do usuário do IBM Tealeaf cxview. Capítulo 1. Visão Geral do Relatório do Tealeaf 7

16 O Tealeaf fornece um cenário de ponta a ponta para descreer como monitorar um processo de carrinho de compras de exemplo e gerar relatórios sobre ele. Consulte "Cenário E2E - Criar painel de taxa de conersão" no Manual do usuário do IBM Tealeaf cximpact. Erros O Tealeaf é útil para monitorar e relatar sobre erros que são encontrados durante a experiência de um isitante com seu aplicatio da web. Erros podem ser categorizados nos tipos a seguir: Tipo Descrição Erros de sistema O Tealeaf fornece um conjunto de eentos para rastreamento de erros de Código de Status de HTTP(4xx/5xx). Esses eentos estão atiados por padrão. Consulte "Referência de objetos de eento padrão do Tealeaf no Manual do IBM Tealeaf Eent Manager. É possíel explorar como usar esses eentos por meio de cenários de ponta a ponta. Consulte o Cenário E2E - Obtendo Valor do Tealeaf em Uma Hora na página 23. Erros do aplicatio Esses erros geralmente causam uma mensagem de erro para ser gerada e exibida na resposta para os isitantes para seu aplicatio da web. Como esses erros são específicos para o aplicatio da web, nenhum eento padrão é fornecido. Erros de aplicatio de exemplo incluem erros de JaaScript, outras exceções de código e seriços ou APIs indisponíeis. Erros de regra de negócios Erros de regras de negócios são iolações de como se espera que os dados sejam eniados, o que pode resultar em coisas como números de cartão de crédito rejeitados. Erros de usabilidade Erros de usabilidade geralmente são problemas em que os dados eniados falham na alidação, como quando um campo de formulário obrigatório é eniada com um alor azio. A categorização anterior cobre uma ampla gama de problemas em potencial com qualquer aplicatio da web. Como parte do desenolimento de seu eento, ocê dee procurar agrupar erros em categorias, usando listas de grupos. Por exemplo, suponhamos que seu aplicatio da web gere mais de 2000 mensagens de erro. É possíel agrupar mensagens de erro em categorias para simplificar relatório. Em ez de olhar para mensagens de erro de log indiiduais, por exemplo, os consumidores de relatório podem analisar as contagens de mensagens de erro de log no relatório. Mensagens de erro podem ser categorizadas armazenando seus alores em uma dimensão, que usa listas de grupos para definir os agrupamentos de alores. As mensagens de erro podem ser transferidas por upload por um arquio delimitado por tabulação para preencher os alores de dimensão disponíeis. Consulte "Guia Dimensões do TEM" no Manual do IBM Tealeaf Eent Manager. Rastreamento do UI Capture Se ocê estier usando a solução UI Capture para controlar eentos na interface do cliente, é possíel criar eentos para capturar e registrar essas ações para relatório. 8 IBM Tealeaf cximpact: Guia de Relatório do Tealeaf

17 Como os dados que são eniados ao Tealeaf a partir da interface do cliente são diferentes dos dados que são eniados por meio de captura do naegador padrão, pode ser necessário criar eentos especiais para essas ações e, se desejado, outros eentos para normalizá-las para seus dados de relatório padrão. Ao criar eentos a partir de dados do UI Capture, erifique se seus eentos estão configurados para corresponder ao alor de Last Match Per Hit. O alor desses eentos podem ser usados para preencher dimensões. Principalmente para os campos de formulário, o UI Capture pode ser instrumental na identificação de áreas de dificuldades do cliente, permitindo que ocê reprojete a sequência de campos ou remoa campos não usados ou confusos. Para obter mais informações sobre UI Capture, consulte o Guia do IBM Tealeaf UI Capture for j2. Monitoramento de Desempenho O Tealeaf fornece ários eentos para monitorar o desempenho de aplicatios. Esses eentos atiam rastreamento dos tipos de métricas de desempenho do aplicatio a seguir: ReqCancelled por cliente ou por seridor Tempo de geração do seridor Tempo de rede Tempo de roundtrip Tempo de renderização Nota: Algumas das métricas anteriores não estão disponíeis no tráfego HTML padrão. Você dee implementar a solução UI Capture para controlar o tempo de renderização no cliente. Consulte o Guia do IBM Tealeaf UI Capture for j2. Por meio de relatórios do Tealeaf, é possíel calcular alores médio, mínimo e máximo para essas métricas. Esses relatórios estão disponíeis por meio de uma interface de relatório separada. Consulte o Analisando o Desempenho na página 74. Esses eentos podem ser inculados a outros processos de negócios ou eentos de desempenho. Por exemplo, é possíel rastrear a frequência de incidentes quando um tempo de renderização grande resultou em um eento ReqCancelled iniciado pelo cliente. Esses eentos podem então ser correlacionados a seus processos de abandono para identificar se os isitantes estão saindo deido a problemas de desempenho e se esses problemas se aplicam a uma página específica. Para obter informações adicionais sobre relatório multidimensional, consulte Capítulo 3, Construtor de Relatório do Tealeaf, na página 111. Segmentação Na Liberação 8, é possíel usar dimensões para identificar segmentos de baixo ou bom desempenho. Segmentos de exemplo incluem: Fluxos/abandono do processo Rastreamento de aquisição do isitante (campanha, palaras-chae) Entrega técnica de conteúdo que é baseada em ersão do naegador, plataforma, sistema operacional, etc. Diferentes páginas de entrada Campanhas de marketing interno Capítulo 1. Visão Geral do Relatório do Tealeaf 9

18 Rastreamento de procura interna/procura com falha Uso de ferramentas de terceiros ou de ferramentas do site Criação de perfil e fidelização do cliente Conersão de diersos canais Análise de horário do dia O Tealeaf fornece um número de dimensões de calendário padrão. Consulte "Guia Dimensões do TEM" no Manual do IBM Tealeaf Eent Manager. Antes de iniciar, ocê dee considerar os segmentos de seus usuários que deseja analisar em relatório, o que direciona os eentos que ocê cria e atia no Tealeaf. Eentos Quando acionado, um eento é uma situação ou condição que é identificada em dados que são capturados pelo Tealeaf que causa uma ação. Uma definição de eento especifica o atributo de ocorrência ou outros dados que deem aparecer na solicitação, resposta ou sessão como um todo. Usando um eento, é possíel detectar e relatar sobre uma ou mais condições que ocorrem em uma única sessão. Eentos não funcionam entre diersas sessões. Um eento é definido como uma combinação de um acionador, uma condição (como um atributo de ocorrência correspondente) e uma ação. Por exemplo, um eento pode ser configurado para ser acionado no início de uma página para procurar um conjunto específico de tags HTML na resposta e, se as tags forem localizadas, para armazenar o alor entre as tags. Um eento do Tealeaf pode ser a aparição ou a ausência de um elemento de dados ou alor específico na solicitação ou na resposta. Ações resultante podem incluir configuração de alores e geração de alertas. Alguns eentos são específicos de uma ocorrência, enquanto que outros podem ser processados somente com toda a sessão à disposição. à medida que cada ocorrência é incluída em uma sessão no Short-Term Canister, as definições de eentos são comparadas com relação aos dados na ocorrência. Quando uma sessão termina e é graada no Long-Term Canister, os eentos associados a uma sessão inteira são aaliadas. Definições de Eento Um eento é definido como uma combinação de: 1. Acionador - O estado no níel da página ou da sessão em que o eento é aaliado. Consulte o Acionador na página Condição - O eento, atributo de sessão ou o atributo de ocorrência que é procurado nos dados de sessão. Se a condição for detectada, o eento é disparado e o alor ou alores especificados são registrados. Consulte o Condição na página Ação - Os dados para registrar e o método de graação. A especificação da ação indica o tipo de alor e a instância dele para registrar no banco de dados. Dados relacionados ao eento são graados na Short-Term Canister e podem ser agregados ao banco de dados de relatório. Valores registrados podem ser usados em relatório ou para acionar uma condição em um eento posterior. Consulte o Ação na página Dimensões - Além dos alores armazenados com um eento, como o alor atual do carrinho de compras, um eento pode armazenar outras informações contextuais disponíeis no momento do eento. Essas dimensões contextual 10 IBM Tealeaf cximpact: Guia de Relatório do Tealeaf

19 podem incluir alores como o nome de usuário, o tipo de naegador ou praticamente qualquer dado de um conjunto de dados controlado. Consulte o Dimensões na página 17. Relacionamentos de Eentos O diagrama a seguir mostra como os componentes relacionados a eentos se relacionam aos recursos de relatório do Construtor de Relatório. Cada eento é definido pelo acionador, a condição, a ação e alores e dimensões para registro. Figura 1. Objetos de Eentos Valores podem ser uma contagem, um alor numérico ou uma sequência de caracteres de texto. Valores numéricos associados aos eentos podem ser colocados em gráfico no Construtor de Relatório. Os alores de texto podem ser usados como instâncias de uma dimensão. Com base em quando a aaliação de um eento ocorre, as condições podem depender de objetos de dados diferentes. Como alguns eentos são contingentes em árias combinações de atributos de ocorrência ou outros eentos, o Gerenciador de Eentos fornece suporte a árias combinações de condições, conforme mostrado no diagrama a seguir. Nota: Na prática, quase todas as condições são baseadas em um padrão de texto que aparece no fluxo de dados. Capítulo 1. Visão Geral do Relatório do Tealeaf 11

20 Figura 2. Condições de eentos do Tealeaf Atributos da sessão: Além de gerenciar eentos, atributos de ocorrência e dimensões, o Gerenciador de Eentos também permite a configuração dos atributos da sessão que podem ser lidos e configurados por eentos, que são usados em alertas disparados com base em eentos e rastreamento de moimentadores superiores (desios). Um atributo da sessão é semelhante a um atributo de sessão customizado ou UserDef (ariáel definida pelo usuário) em ersões anteriores do Tealeaf. Atributos de sessão são usados para salar informações de estado de sessão interessantes com a sessão para condições ou relatório posteriores. Consulte "Guia Atributos da sessão do TEM" no Manual do IBM Tealeaf Eent Manager. Tipos de Eentos O Tealeaf suporta dois tipos de eentos: 1. Eento Padrão: Um eento típico é acionado com base em dados padrão detectados no fluxo de captura. 2. Eento de Caixa: Associados a cada sessão na Caixa, o Tealeaf mantém um conjunto de eentos que controlam informações úteis relacionadas à sessão para ocê. Esses eentos não podem ser configurados. É possíel criar alertas que são baseados neles. Consulte o Alertas na página 15. Por meio do Tealeaf Eent Manager, é possíel criar eentos. Consulte "Tealeaf Eent Manager" no Manual do IBM Tealeaf Eent Manager. Um eento também pode ser uma combinação de um ou mais outros eentos. Por exemplo, se o isitante recebeu um código de erro específico e concluiu uma compra, é possíel registrar a ocorrência desse eento. 12 IBM Tealeaf cximpact: Guia de Relatório do Tealeaf

21 É possíel criar um alerta baseado no disparo de um eento. Alertas entregam informações a usuários do Tealeaf em um de ários formatos. Consulte o Alertas na página 15. Componentes de Eentos Estas informações descreem os componentes de um eento. Acionador: Um eento pode ser acionado em qualquer uma das situações a seguir, que são listadas na ordem de ocorrência durante uma sessão de isitante : Acionador Descrição First Hit of Session Aaliado quando inicia a sessão de um noo isitante. Eery Hit Aaliado antes que qualquer parte de uma noa ocorrência seja aaliada. After Eery Hit Aaliado após todas as partes de uma ocorrência terem sido aaliadas. Last Hit Aaliado após a última ocorrência da sessão ser capturada e aaliada. End of Session Aaliado quando uma sessão do isitante termina, seja conforme definido pelo eento ou por tempo limite do sistema. Acionadores são definidos no Assistente de Eento do Tealeaf Eent Manager. Consulte "Guia Eentos do TEM" no Manual do IBM Tealeaf Eent Manager. Condição: A condição define o eento, o atributo de ocorrência ou o atributo da sessão que é procurado nos dados da sessão. Esse elemento de dados é aaliado com relação aos critérios definidos para produzir um alor true ou false. As condições são aaliadas no momento do Acionador e são baseadas no contexto. Há dois contextos: um para os acionadores de ocorrências e um no final da sessão. Condições de ocorrências incluem quaisquer padrões de texto na ocorrência atual, a existência ou alor de qualquer eento que ocorra na sessão ou qualquer atributo da sessão definido. Condições de eentos excluem a capacidade de aaliar atributos de ocorrência que ocorram em qualquer ocorrência, mas incluem suporte para as outras condições. Os critérios de aaliação dependem do tipo de dados. As condições que aaliam dados numéricos têm operadores de comparação e equialência, testes nulos e testes de inclusão/exclusão. É possíel testar o primeiro, o último, a contagem e padrões localizados de dados numéricos. As condições que aaliam dados de texto têm operadores de equialência, testes nulo e testes de inclusão/exclusão. Condições que são aaliadas como true fazem com que a ação especificada no eento seja executada. Consulte o Ação na página 14. Condições são definidas no Assistente de Eento do Tealeaf Eent Manager. Consulte "Guia Eentos do TEM" no Manual do IBM Tealeaf Eent Manager. Capítulo 1. Visão Geral do Relatório do Tealeaf 13

22 Dependências de Eentos: Como parte da configuração das condições para um eento, é possíel requerer a presença de outro eento ou alor do eento, o que cria uma dependência de eento. Há dois métodos disponíeis para criação de dependências entre os eentos: Dependência implícita - Eentos do Tealeaf podem ser acionados no início da sessão, na primeira página, no final da página, na última página ou no final da sessão. Esses pontos de aaliação discretos podem ser usados para criar dependências implícitas. Por exemplo, é possíel garantir que qualquer eento configurado para ser acionado na última página possa fazer referência à saída gerada por qualquer eento acionado no início da sessão. Dependência explícita - Como uma das condições do eento, é possíel especificar que outro eento ou alor de eento dee estar presente. Dependências explícitas são álidas somente entre os eentos que compartilham o mesmo ponto acionador. Por exemplo, um eento configurado para ser acionado em Eery Hit não pode fazer referência a eentos acionados em Last Hit. Dependências explícitas podem ser reisadas por meio do Tealeaf Eent Manager. Consulte "Guia Eentos do TEM" no Manual do IBM Tealeaf Eent Manager. Ação: Na ação de eento, um alor pode ser armazenado quando o eento ocorrer, que pode ser a contagem do eento que ocorre, o texto ou sequência numérica que é obtido com um atributo de ocorrência ou o conteúdo de um alor do eento anterior ou um atributo de sessão. A ação define: 1. O alor ou alores que são registrados. Valores que são controlados para graação são definidos no Resumo de Eento do Assistente de Eento do Gerenciador de Eentos. Consulte "Guia Eentos do TEM" no Manual do IBM Tealeaf Eent Manager. Valores que são registrados são definidos na etapa Valor do Assistente de Eento do Gerenciador de Eentos. Consulte "Guia Eentos do TEM" no Manual do IBM Tealeaf Eent Manager. 2. A disponibilidade dos dados para procura e relatório 3. Os atributos de sessão preenchidos pelo alor do eento Ações são definidas na etapa Mais Opções do Assistente de Eento do Tealeaf Eent Manager. Consulte "Guia Eentos do TEM" no Manual do IBM Tealeaf Eent Manager. 4. O grupo ou grupos de relatórios associados ao eento. Consulte o Dimensões na página 17. Os grupos de relatórios que estão associados ao eento são definidos na etapa Grupos de Relatórios do Assistente de Eento do Tealeaf Eent Manager. Consulte "Guia Eentos do TEM" no Manual do IBM Tealeaf Eent Manager. Desenolimento de Eento O acesso ao Gerenciador de Eentos é controlado pela configuração de Usuário sob Gerenciamento de Portal. Consulte "Administração de usuários do CX" no Manual de administração do IBM Tealeaf cximpact. 14 IBM Tealeaf cximpact: Guia de Relatório do Tealeaf

23 Teste de Eentos: Como o número e a complexidade de eentos pode afetar o carregamento do sistema, é importante assegurar que os eentos produzam os dados desejados. O Gerenciador de Eentos inclui um testador integrado para testar seus eentos definidos com relação aos dados de sessão antes que ela implemente no ambiente atio. Consulte "Testador de Eento" no Manual do IBM Tealeaf Eent Manager. Execução de Eento: Depois que objetos criados ou editados com o Tealeaf Eent Manager serem salos, as definições do eento são replicadas para os Seridores de Processamento (Caixas) onde eles são executados. Dados de relatórios pesquisáeis e agregados são gerados quando o eento é disparado. O atraso de tempo entre salar mudanças e ser capaz de er resultados depende da configuração e da carga do sistema. Mudanças em Eentos Eentos agora são definidos por meio do Tealeaf Eent Manager no Tealeaf Portal. Consulte "Guia Eentos do TEM" no Manual do IBM Tealeaf Eent Manager. A definição de eentos foi alterada significatiamente desde a Liberação 7.x. Por exemplo: Categorias de eentos, como eentos de fechamento de sessão composta e eentos de página composta, foram amplamente eliminados em faor de um modelo mais simples que aalia eentos que são simplesmente baseados em onde ocorrem na sessão. Eentos podem ser organizados em etiquetas de eentos, mas uma etiqueta é somente uma estrutura organizacional. Eentos compostos podem ser criados de forma simples usando as saídas de um ou mais eentos como entradas para outro eento. Saídas de eentos no níel da página podem ser mapeadas para as entradas de eentos no níel da página ou no níel da sessão. Hierarquias de eentos foram alteradas. Hierarquias são essencialmente dependências entre eentos e não são relacionamentos pai-filho explícitos. Hierarquias podem não ser mais necessárias deido ao potencial para diersos acionadores para um eento. Alertas Um alerta é uma ação acionada a partir do acionamento de um eento ou de um alor limite para um eento. Por exemplo, se o número de erros do aplicatio for controlado em um eento, é possíel configurar um alerta para ser acionado a partir da ocorrência desse eento (o que significa que pelo menos um erro de aplicatio ocorreu) ou da ocorrência de 10 erros de aplicatio, o que pode requerer escalação do problema. Alertas podem ser acionados a partir de um eento. Com base nos critérios definidos para o alerta, é possíel acionar qualquer combinação das ações a seguir: Ações de Alerta Descrição App Eent Log Uma mensagem de log é inserida no log de eentos do aplicatio. Um alerta de é entregue a uma lista de endereços configurada. Shell Command Um comando shell externo especificado é executado. Capítulo 1. Visão Geral do Relatório do Tealeaf 15

24 SNMP Uma mensagem de SNMP é entregue por meio do seridor configurado. XML Log File Um arquio de log formatado em XML é gerado e salo. É possíel configurar alertas para: 1. Eentos definidos pelo usuário 2. Eentos de caixa Alertas são criados na guia Alertas do Tealeaf Eent Manager. Para obter mais informações sobre a criação de alertas, consulte "Guia Alertas do TEM" no Manual do IBM Tealeaf Eent Manager. Para obter mais informações sobre como atiar o Seriço de Alerta, consulte "Configurando o seriço de alerta" no Manual de Configuração do IBM Tealeaf CX. Mudanças em Alertas Além das mudanças necessárias para suportar o modelo de dados Liberação 8.0, alertas não mudaram muito desde a Liberação 7.2. Alertas agora são definidos por meio do Tealeaf Eent Manager no Tealeaf Portal. Consulte "Guia Alertas do TEM" no Manual do IBM Tealeaf Eent Manager. Grupos de relatórios Um eento pode ser associado a um ou mais grupos de relatórios. Um grupo de relatórios é um conjunto de dimensões que podem ser exibidas no mesmo relatório. Um grupo de relatórios pode ser considerado como o pai de dimensões. Por exemplo, é possíel criar um grupo de relatórios que é chamado user agent properties para conter alores para as propriedades a seguir que são associadas a agentes de usuários remotos: User agent name Screen width Screen height Jaascript support No exemplo anterior, a inclusão da dimensão user agent name é útil para combinar dimensões em noos relatórios. Se outra dimensão também incluir essa dimensão, então, as dimensões de cada uma das duas dimensões podem ser exibidas no mesmo relatório. As dimensões anteriores são de tipos de dados diferentes, mas elas podem ser incluídas no mesmo relatório no Tealeaf Report Builder. Nota: Até no máximo 4 dimensões podem ser exibidas no mesmo grupo de relatórios. Dimensões no mesmo grupo de relatórios podem aparecer no mesmo relatório. Dimensões em diferentes grupos de relatórios não podem aparecer no mesmo relatório. Nota: Como é possíel criar eentos e grupos de relatórios independentemente, alguns grupos de relatórios não podem existir para o tempo de ida do eento. Por exemplo, os dados que são adquiridos para a mesma dimensão em dois grupos de relatórios diferentes não podem ser inteiramente consistentes se a dimensão tier sido incluída em um dos grupos de relatórios após o outro ter sido 16 IBM Tealeaf cximpact: Guia de Relatório do Tealeaf

25 incluído. Como resultado, é possíel acabar tentando transformar pela dimensão entre grupos de relatórios para um período de relatório que não existe em um dos grupos de relatórios. Todos os eentos são automaticamente agregados pelo grupo de relatório No Dimension Report Group, que não pode ser desatiado. Os eentos podem ser incluídos em outros grupos de relatórios também. Grupos de relatórios para outros produtos Tealeaf Além do cximpact, alguns produtos Tealeaf CX podem usar grupos e dimensões de relatórios. Nota: O uso de dados dimensionais em cxresults não é suportado nesta liberação. Mudanças em Grupos de Relatórios Na Liberação 7.x e anteriores, grupos de relatórios não existiam especificamente. No entanto, o conjunto de dimensões de referência (Caminho, Seridor, Host e Aplicatio) e seus alores constituíam essencialmente um grupo de relatórios que era usado para filtrar relatórios no Portal. Dimensões Uma Dimensão é uma lista de alores que são associados a um eento. Quando um eento é acionado, o alor detectado é relatado em uma dimensão. Os alores a detectar são configurados na guia Valores no Tealeaf Eent Manager. Consulte "Tealeaf Eent Manager" no Manual do IBM Tealeaf Eent Manager. Os grupos de relatórios nos quais os alores são relatados são especificados na guia Relatório do Tealeaf Eent Manager. Uma dimensão pode pertencer a diersos grupos de relatórios, que podem ser associados a diersos eentos. Consulte "Tealeaf Eent Manager" no Manual do IBM Tealeaf Eent Manager. Tipos de Dimensões Há dois tipos básicos de dimensões: Listas Ilimitadas: Um tipo de dimensão lista ilimitada é gerado pela extração de alores no fluxo de transação para a dimensão e construção de uma lista para cada interalo de tempo de hora em hora. Se o limite para a dimensão for configurado para 1000, os primeiros 1000 alores para uma dimensão que são detectados em uma hora tornam-se os alores disponíeis para essa dimensão dimension durante esse período. Os alores subsequente que não haiam sido anteriormente detectados durante a hora são mapeados para um alor fixo único, TLT$LIMIT. Lista de Valores: Um tipo de dimensão de lista de alores contém um conjunto de alores predefinido que são os únicos alores aceitos para a dimensão. A lista dos estados dos Estados Unidos da América é um exemplo desse tipo de dimensão. Quando um eento for disparado, os alores designados ao eento deem ir de um desses alores listados. Listas de alores podem ser dos tipos a seguir: Valores a Registrar Descrição Capítulo 1. Visão Geral do Relatório do Tealeaf 17

26 Whitelist + Obsered Values Registre alores que estão na lista de desbloqueio para a dimensão e também alores que não estão na lista de bloqueio detectados no fluxo de captura. Whitelist Only Registro alores somente que são exibidos na lista de desbloqueio especificada para a dimensão. Group Lists - Text Preencha a dimensão a partir da lista de grupos de alores de texto configurados para a dimensão. Group Lists - Numeric Preencha a dimensão a partir da lista de grupos de alores numéricos configurados para a dimensão. Exemplos Para obter mais informações sobre exemplos de dimensões, consulte "Guia Dimensões do TEM" no Manual do IBM Tealeaf Eent Manager. Mudanças em Dimensões Na Liberação 7.1 e na Liberação 7.2, o Tealeaf suportaa a criação e o relatório de quatro conjuntos de referências: TLT_Application, TLT_URL, TLT_Serer e TLT_Host. Essencialmente, esses conjuntos de referências eram dimensões de dados. Em liberações anteriores, essas dimensões de referência eram comuns a todos os eentos. Quando o agente de sessão de Referência do Tealeaf estaa atiado no pipeline, é possíel mapear alores detectados para as dimensões a seguir para uma lista predefinida de alores. O alor mapeado foi inserido no par nome-alor correspondente na seção [TltRef] da solicitação. As dimensões de referência de liberações anteriores estão disponíeis nas dimensões a seguir, que podem ser incluídas em relatórios: Tabela 1. Mudanças em Dimensões Dimensão Versão Antiga Noa Versão Aplicatio TLT_Application Aplicatio Caminho TLT_URL URL Seridor TLT_Serer Seridor Host TLT_Host Host Essas listas predefinidas podem ser geradas a partir de alores que são detectados nos dados da sessão e registrados. Vários relatórios e diersos produtos Tealeaf CX usaam essas dimensões de referência. O noo modelo de relatório fornece muito mais flexibilidade nas dimensões que podem ser usadas. Para cxresults: Nota: O uso de dados dimensionais em cxresults não é suportado nesta liberação. 18 IBM Tealeaf cximpact: Guia de Relatório do Tealeaf

27 Fatos Um fato é uma estrutura de dados que é gerada quando um eento é disparado. Ele contém o eento de acionamento, seu alor e a dimensão ou dimensões e alores relacionados. O fato é a estrutura de armazenamento de dados essencial para relatório do Tealeaf. Esse mecanismo de armazenamento interno não está diretamente acessíel para usuários do Tealeaf por meio do Portal. Nota: Quaisquer dados que deem estar isíeis em conjunto no mesmo relatório deem ser armazenados no mesmo grupo de relatórios porque os dados são armazenados no níel do fato no banco de dados. Todos os fatos associados a uma instância de um eento acionado contêm o mesmo alor fático. Cada fato associado a um único eento pode conter dados de dimensão para um grupo de relatórios diferente. Diersos fatos podem ser marcados se juntos eles compartilharem uma ou mais dimensões comuns. Por exemplo, se dois fatos compartilharem a dimensão DimURL, então, eles podem ser exibidos no mesmo gráfico. Diersos eentos baseados em tempo sempre podem ser exibidos no mesmo gráfico, pois eles sempre compartilham o tempo como um eixo de tipo de dimensão. Para relatórios não baseados em tempo, os eentos nos mesmos deem compartilhar uma dimensão comum a ser exibida no mesmo gráfico. Mudanças de Fatos Fatos não existiam na Liberação 7.x ou anterior. Valores Fáticos Valores fáticos são dados da instância de eento que podem ser configurados na definição de eento. Quando um eento é disparado, quaisquer dados que estão localizados entre uma Tag de Início e uma Tag de Finalização especificadas em um atributo de ocorrência serão capturados como um alor fático e armazenados no banco de dados. Esses dados podem ser procurados e relatados no Tealeaf Portal. Os alores fáticos do Tealeaf podem ser alores numéricos ou de texto. Por padrão, alores fáticos numéricos acionam automaticamente o cálculo e o registro dos alores de contagem, de soma, de média, mínimo e máximo do alor para cada hora. Todos os fatos que são gerados por um único eento são disparados ou não, o que pode ser configurado por meio do Tealeaf Eent Manager. Valores fáticos podem ser configurados para serem pesquisáeis e relatáeis na guia Relatório do Tealeaf Eent Manager. Consulte "Tealeaf Eent Manager"no Manual do IBM Tealeaf Eent Manager. Tipos de Valores de Fatos Estas informações descreem os diferentes tipos de alores fáticos disponíeis no Tealeaf. Valores Fáticos de Contagem: Esses alores fáticos são indefinidos. A contagem de cada eento acionado é acumulada para o relatório. Capítulo 1. Visão Geral do Relatório do Tealeaf 19

28 Valores Fáticos Numéricos: Valores fáticos numéricos são armazenados no níel de hora por hora. Para cada hora de alores fáticos numéricos, é possíel aplicar as operações a seguir a eles: Soma Média Mín. Máximo Valores Fáticos de Sequência: Qualquer alor fático não numérico é um alor fático de sequência. Nenhuma operação predefinida pode ser concluída em alores detectados. Mudanças em Valores Fáticos Na Liberação 7.x, os alores de referência específicos conforme identificados por eentos foram identificados por alores de textfound. Na Liberação 8,0, esses alores correspondem a fatos, que são alores acionados por eentos em uma dimensão de dados. Um alor fático é dados que são registrados com o eento acionado. Conceitos de Relatório Ao lado dos conceitos de relatório comuns a seguir em analítica tradicional estão listadas as funções equialentes do Tealeaf. Analítica Tealeaf Fatia No Tealeaf, é possíel criar fatias de dados configurando relatórios multidimensionais para alores fáticos específicos. Dice O Tealeaf Report Builder não suporta atualmente dicing de dados. Drill Down O Tealeaf permite drill down dos dados do relatório para as sessões subjacentes das quais os alores de relatório são extraídos. Nota: Deido à complexidade da consulta, o Tealeaf fornece suporte limitado para drill down quando uma lista de desbloqueio ou uma lista de bloqueio de alores é configurada para uso com o relatório. É possíel fazer drill down listas de desbloqueio ou listas em bloqueio limitado a 30 alores em todas as dimensões de Segmento do relatório. Drill down em outras configurações, incluindo dimensões N Superiores, não é suportado. Sintetização Os dados do Tealeaf são agregados no níel de hora em hora e diário pelo Coletor de Dados, que pesquisa os dados da Caixa em interalos planejados. Tabela dinâmica No Tealeaf Report Builder, é possíel transformar dados do relatório entre ários grupos de relatórios que m dimensões comuns. Para obter informações adicionais sobre construção de relatórios, consulte Capítulo 3, Construtor de Relatório do Tealeaf, na página IBM Tealeaf cximpact: Guia de Relatório do Tealeaf

29 Capítulo 2. Analisando Dados do Tealeaf Por meio do Portal, é possíel acessar árias ferramentas de relatório e análise flexíeis, que fornecem insights sem precedentes à experiência do isitante em seu website. Os itens a seguir estão disponíeis por meio do menu Analisar no Tealeaf Portal. Tabela 2. Analisando Dados do Tealeaf Item Seleção no Menu Analisar Descrição Pontuações Pontuações Pontuações são relatórios on demand sobre diersos indicadores de desempenho relacionados a seu site. Consulte "Usando Pontuações" no Manual do Usuário do IBM Tealeaf cxview. Nota: A configuração e o uso da pontuação são fornecidos com o componente cxview. Consulte "Visão Geral do cxview" no Manual do Usuário do IBM Tealeaf cxview. Relatórios Construtor de Relatório Relatórios são gráficos pizza, gráficos de linhas e gráficos de barras de dados de eentos filtrados por dados, alores e outras características. OTealeaf fornece um conjunto de relatórios útil como parte de sua solução instalada. Consulte o Capítulo 5, Relatórios Fornecidos pelo Tealeaf, na página 173. Alguns relatórios podem ser criados e publicados para outros usuários por meio do Construtor de Relatório do Tealeaf. Consulte o Capítulo 3, Construtor de Relatório do Tealeaf, na página 111. Eentos Atiidade de Eento O relatório Atiidade de Eento identifica as contagens totais de eentos para cada eento ao longo do período de relatório especificado. Consulte o Atiidade de Eento na página 44. Moimentadores Moimentadores Superiores Superiores o relatório Moimentadores Superiores fornece insight sobre os desios de alores esperados para os alores selecionados do eento ou dimensão nas quatro semanas anteriores. Consulte o Analisando Moimentadores Superiores na página 47. Copyright IBM Corp. 1999,

30 Tabela 2. Analisando Dados do Tealeaf (continuação) Item Seleção no Menu Analisar Descrição Atiidade Geral Resumo da Atiidade Os relatório Atiidade e Página fornecem métricas técnicas sobre o uso de seu website por isitantes. Consulte o Painel Métricas Técnicas do Site na página 98. Segmentos Segmentos O submenu Segmentos contém relatórios que são baseados nos resultados de procuras de Sessão ou Visitante. Nota: A análise e o gerenciamento do segmento do isitante são fornecidos com cxresults. cxresults não está mais disponíel como um noo produto licenciado desde a Liberação 8.7. Os clientes que tierem licenciado o cxresults na Liberação 8.6 e anterior podem continuar a usar e receber suporte para o produto na Liberação 8.7 e posterior. Para obter informações adicionais, entre em contato com o Tealeaf../../Common/http:// support.tealeaf.com. Para obter informações adicionais sobre como gerenciar segmentos da sessão, consulte "Gerenciando Segmentos da Sessão" no Manual do Usuário do IBM Tealeaf cxresults. Para obter informações adicionais sobre a análise do segmento da sessão, consulte "Analisando Segmentos da Sessão" no Manual do Usuário do IBM Tealeaf cxresults. Para obter informações adicionais sobre como gerenciar segmentos do isitante, consulte "Gerenciando Segmentos do Visitante" no Manual do Usuário do IBM Tealeaf cxresults. Para obter informações adicionais sobre a análise do segmento do isitante, consulte "Analisando Segmentos do Visitante" no Manual do Usuário do IBM Tealeaf cxresults. É possíel importar segmentos que são criados fora do sistema Tealeaf. Quando atiado, o seriço Construtor de Segmento pode ser usado para criar segmentos que serão, então, importados por meio do Tealeaf Portal. Consulte "Seriço Construtor de Segmento" no Manual de Administração do IBM Tealeaf cxconnect for Web Analytics. 22 IBM Tealeaf cximpact: Guia de Relatório do Tealeaf

31 Relatórios de Atiidades Por meio do Portal, é possíel monitorar atiidades e processamento em seu sistema Tealeaf, incluindo as Caixas de Curto e Longo Prazo e todos os seridores Tealeaf. Por meio de uma série de relatórios, é possíel manter guias para todas as atiidades, métricas de páginas e sessões, tempos de geração de página e de roundtrip de rede e contagens de isitantes e sessões. Esses relatórios são resumidos no painel Métricas Técnicas do Site. Nota: Esses relatórios podem ser editados somente por usuários administratios. Todos os outros usuários deem salar o relatório sob um noo nome e modificar o noo. Para acessar o painel Métricas Técnicas do Site: 1. No Tealeaf Portal, selecione Painéis > Métricas Técnicas do Site. 2. Para er os relatórios de atiidade técnica, clique na guia Relatórios de Atiidades. Consulte "Painel de Métricas do Site Técnico" no Guia de Relatório do IBM Tealeaf. Para er relatórios indiiduais: No painel Métricas Técnicas do Site, é possíel abrir o relatório subjacente para qualquer componente do painel exibido. Para er p painel subjacente, clique no ícone Visualizar ( ). O relatório selecionado é aberto no Capítulo 3, Construtor de Relatório do Tealeaf, na página 111. Informações adicionais são fornecidas abaixo. Também é possíel abrir qualquer um desses relatórios por meio do comando Abrir no Capítulo 3, Construtor de Relatório do Tealeaf, na página 111. Os nomes de todos os relatórios de atiidades começam com Relatório de Atiidades:. Para configurar relatórios: Nota: Os relatórios de Atiidades fornecidos não podem ser editados. Para editar uma cópia do relatório, use o comando Salar como na barra de ferramentas do Capítulo 3, Construtor de Relatório do Tealeaf, na página 111. Faça suas modificações na cópia. Cenário E2E - Obtendo Valor do Tealeaf em Uma Hora Estas informações destinam-se a fornecer ao usuário iniciante do Tealeaf um cenário simples e claro para a introdução do Tealeaf. Ao percorrer este cenário, é possíel adquirir informações aliosas sobre seu aplicatio da web, que se pode publicar a outras partes interessadas em sua organização. Você não precisa ter experiência anterior com o Tealeaf para acompanhar este cenário. Este cenário é destinado à leitura do início ao fim. Em outra janela do naegador, ocê pode executar as etapas atraés do Tealeaf Portal para concluir o cenário. Capítulo 2. Analisando Dados do Tealeaf 23

32 Contagem de Sessões Fornece um gráfico da atiidade de sessão para o período de tempo selecionado. Figura 3. Relatório Contagem de Sessões Configuração do relatório: Tipo Configuração Eentos/Proporções Eento: Contagem de sessões eixo X nenhum Eixo Y nenhum Segmento nenhum Período Data atual Tabela detalhada: Campo Descrição Hora do dia Os dados do relatório são organizados em depósitos por hora. Quando o período de relatório é a data atual, somente os dados para as horas que são capturados e processados estarão disponíeis para relatório. Contagem de sessões Número total de sessões que são contadas na hora Clique no link para procurar todas as sessões concluídas dentro da hora. Consulte "Procurando Dados da Sessão" no Manual do Usuário do IBM Tealeaf cximpact. 24 IBM Tealeaf cximpact: Guia de Relatório do Tealeaf

33 Contagem de Ocorrências Fornece um gráfico da atiidade de ocorrências para o período de tempo selecionado. Figura 4. Relatório Contagem de Ocorrências Configuração do relatório: Tipo Configuração Eentos/Proporções Eento: Contagem de ocorrências eixo X nenhum Eixo Y nenhum Segmento nenhum Período Data atual Tabela detalhada: Campo Descrição Hora do dia Os dados do relatório são organizados em depósitos por hora. Quando o período de relatório é a data atual, somente os dados para as horas que são capturados e processados estarão disponíeis para relatório. Contagem de ocorrências Número total de ocorrências que são contadas na hora Clique no link para procurar todas as sessões concluídas dentro da hora. Consulte "Procurando Dados da Sessão" no Manual do Usuário do IBM Tealeaf cximpact. Capítulo 2. Analisando Dados do Tealeaf 25

34 Contagem de Páginas Exibe as contagens totais de páginas em cada hora da data selecionada. Figura 5. Relatório Contagem de Páginas Configuração do relatório: Tipo Configuração Eentos/Proporções Eento: Contagem de Páginas eixo X nenhum Eixo Y nenhum Segmento nenhum Período Data atual Tabela detalhada: Campo Descrição Hora do dia Os dados do relatório são organizados em depósitos por hora. Quando o período de relatório é a data atual, somente os dados para as horas que são capturados e processados estarão disponíeis para relatório. Contagem de páginas Número total de páginas que são contadas na hora Clique no link para procurar todas as sessões concluídas dentro da hora. Consulte "Procurando Dados da Sessão" no Manual do Usuário do IBM Tealeaf cximpact. 26 IBM Tealeaf cximpact: Guia de Relatório do Tealeaf

35 Contagem de Ocorrências de CUI Identifica o número total de ocorrências que são registradas pela interface com o usuário do cliente que ocorreram durante cada hora da data selecionada. Nota: Esse relatório requer a instalação e implementação do UI Capture. Consulte o Guia do IBM Tealeaf UI Capture for j2. Figura 6. Relatório Contagem de Ocorrências do CUI Configuração do relatório: Tipo Configuração Eentos/Proporções Eento: Contagem de ocorrência de CUI eixo X nenhum Eixo Y nenhum Segmento nenhum Período Data atual Tabela detalhada: Campo Descrição Hora do dia Os dados do relatório são organizados em depósitos por hora. Quando o período de relatório é a data atual, somente os dados para as horas que são capturados e processados estarão disponíeis para relatório. Contagem de ocorrências de CUI O número total de ocorrências da interface com o usuário do cliente contadas na hora Capítulo 2. Analisando Dados do Tealeaf 27

36 Clique no link para procurar todas as sessões que contêm ocorrências do CUI dentro da hora. Consulte "Procurando Dados da Sessão" no Manual do Usuário do IBM Tealeaf cximpact. Geração de Página Fornece um gráfico dos tempos médios e máximos de geração de página em milissegundos para a data selecionada. Figura 7. Relatório Geração de Página Configuração do relatório: Tipo Configuração Eentos/Proporções Proporção: Ag Pag Gen eento: Máximo de Geração de Página eixo X nenhum Eixo Y nenhum Segmento nenhum Período Data atual Tabela detalhada: Campo Descrição Hora do dia Os dados do relatório são organizados em depósitos por hora. Quando o período de relatório é a data atual, somente os dados para as horas que são capturados e processados estarão disponíeis para relatório. Máximo de geração de página Tempo máximo de geração de página em milissegundos durante a hora 28 IBM Tealeaf cximpact: Guia de Relatório do Tealeaf

37 Tamanho da Página Clique no link para realizar drill down em todas as sessões relacionadas que ocorreram na hora. Consulte "Procurando Dados da Sessão" no Manual do Usuário do IBM Tealeaf cximpact. Média de geração de página Tempo médio de geração de página em milissegundos para todas as sessões na hora Monitora o tamanho médio em Kb de páginas que são capturadas durante cada hora da data selecionada. Figura 8. Relatório Tamanho da Página Configuração do relatório: Tipo Configuração Eentos/Proporções Proporção: Ag Page Size eento: Max Page Size eixo X nenhum Eixo Y nenhum Segmento nenhum Período Data atual Tabela detalhada: Campo Descrição Hora do dia Os dados do relatório são organizados em depósitos por hora. Quando o período de relatório é a data atual, somente os dados para as horas que são capturados e processados estarão disponíeis para relatório. Capítulo 2. Analisando Dados do Tealeaf 29

38 Duração da sessão Tamanho máximo de página Tamanho máximo da página em Kb durante a hora Clique no link para realizar drill down em todas as sessões relacionadas que ocorreram na hora. Consulte "Procurando Dados da Sessão" no Manual do Usuário do IBM Tealeaf cximpact. Tamanho médio de página Tamanho médio da página em Kb para todas as sessões na hora Fornece um gráfico dos tempos médios de duração de sessão para a data selecionada. Figura 9. Relatório Duração da Sessão Configuração do relatório: Tipo Configuração Eentos/Proporções Proporção: Duração da Sessão eixo X nenhum Eixo Y nenhum Segmento nenhum Período Data atual Tabela detalhada: Campo Descrição Hora do dia Os dados do relatório são organizados em depósitos por hora. Quando o período de relatório é a data atual, somente os dados para as horas que são capturados e processados estarão disponíeis para relatório. 30 IBM Tealeaf cximpact: Guia de Relatório do Tealeaf

39 Duração da sessão Proporção da soma da duração de sessão em minutos para todas as sessões na hora com relação à contagem de sessões para a hora. Média/Máximo de Ocorrências da Sessão Exibe o número médio e máximo de ocorrências por sessão para cada hora da data selecionada. Figura 10. Relatório Média/Máximo de Ocorrências da Sessão Configuração do relatório: Tipo Configuração Eentos/Proporções Proporção: Hits/Session = Contagem de Ocorrências / Session Count eento: Max Hits eixo X nenhum Eixo Y nenhum Segmento nenhum Período Data atual Tabela detalhada: Campo Descrição Hora do dia Os dados do relatório são organizados em depósitos por hora. Quando o período de relatório é a data atual, somente os dados para as horas que são capturados e processados estarão disponíeis para relatório. Máximo de ocorrências O número máximo de ocorrências em uma sessão durante a hora Capítulo 2. Analisando Dados do Tealeaf 31

40 Clique no link para realizar drill down em todas as sessões relacionadas que ocorreram na hora. Consulte "Procurando Dados da Sessão" no Manual do Usuário do IBM Tealeaf cximpact. Ocorrências/Sessão Proporção da contagem de ocorrências com relação à contagem de sessões Tamanho de Sessão Méd./Máx. Exibe o tamanho médio e máximo de sessões em megabytes que ocorrem para cada hora da data selecionada. Figura 11. Relatório Média/Máximo do Tamanho de Sessão Configuração do relatório: Tipo Configuração Eentos/Proporções Proporção: Ag Session Size = Session Size (MB) / Session Count eento: Max Session Size eixo X nenhum Eixo Y nenhum Segmento nenhum Período Data atual Tabela detalhada: Campo Descrição Hora do dia Os dados do relatório são organizados em depósitos por hora. Quando o período de relatório é a data atual, somente os dados para as horas que são capturados e processados estarão disponíeis para relatório. 32 IBM Tealeaf cximpact: Guia de Relatório do Tealeaf

41 Tamanho máximo de sessão Tamanho máximo de sessão para a hora. Clique no link para realizar drill down em todas as sessões relacionadas que ocorreram na hora. Consulte "Procurando Dados da Sessão" no Manual do Usuário do IBM Tealeaf cximpact. Tamanho médio de sessão Proporção de tamanho de sessão em megabytes para contagem de sessões Tráfego (MB) Exibe o tráfego da sessão em megabytes para a data selecionada. O relatório inclui as métricas de solicitação, resposta e tráfego total para cada hora da data selecionada. Nota: Na maioria das implementações do Tealeaf, conteúdo estático, como folhas de estilo, JaaScript e imagens é descartado pelo Aplicatio de Captura Passia. Esse relatório não fatora conteúdo que é descartado da sessão pelo PCA ou o pipeline do Windows. Para obter informações adicionais sobre o modo de captura do PCA, consulte "Console da Web do PCA - Guia Pipeline" no Manual do Aplicatio de Captura Passia do IBM Tealeaf. Figura 12. Relatório Tráfego (MB) Configuração do relatório: Tipo Configuração Eentos/Proporções Eento: eento de Solicitação: eento de Resposta: Total eixo X nenhum Eixo Y nenhum Segmento nenhum Período Data atual Capítulo 2. Analisando Dados do Tealeaf 33

42 Tabela detalhada: Campo Descrição Hora do dia Os dados do relatório são organizados em depósitos por hora. Quando o período de relatório é a data atual, somente os dados para as horas que são capturados e processados estarão disponíeis para relatório. Solicitação Soma dos tamanhos de solicitações em megabytes para a hora Clique no link para realizar drill down em todas as sessões relacionadas que ocorreram na hora. Consulte "Procurando Dados da Sessão" no Manual do Usuário do IBM Tealeaf cximpact. Resposta Soma dos tamanhos de respostas em megabytes para a hora Clique no link para realizar drill down em todas as sessões relacionadas que ocorreram na hora. Consulte "Procurando Dados da Sessão" no Manual do Usuário do IBM Tealeaf cximpact. Total Soma do total dos tamanhos de solicitações e respostas em megabytes para a hora Clique no link para realizar drill down em todas as sessões relacionadas que ocorreram na hora. Consulte "Procurando Dados da Sessão" no Manual do Usuário do IBM Tealeaf cximpact. Roundtrip Exibe os tempos médio e máximo de roundtrip em milissegundos para cada hora da data selecionada. Figura 13. Relatório Roundtrip Configuração do relatório: Tipo Configuração 34 IBM Tealeaf cximpact: Guia de Relatório do Tealeaf

43 Eentos/Proporções Proporção: Ag Round Trip = Page Round Trip total for session / Contagem de Ocorrências eento: Max Round Trip eixo X nenhum Eixo Y nenhum Segmento nenhum Período Data atual Tabela detalhada: Campo Descrição Hora do dia Os dados do relatório são organizados em depósitos por hora. Quando o período de relatório é a data atual, somente os dados para as horas que são capturados e processados estarão disponíeis para relatório. Roundtrip máximo Tempo máximo de roundtrip em milissegundos durante a hora Clique no link para realizar drill down em todas as sessões relacionadas que ocorreram na hora. Consulte "Procurando Dados da Sessão" no Manual do Usuário do IBM Tealeaf cximpact. Roundtrip médio A proporção do tempo de roundtrip em milissegundos para a contagem de ocorrências durante a hora Capítulo 2. Analisando Dados do Tealeaf 35

44 Trip na Rede Exibe os tempos médio e máximo de rede em milissegundos para cada hora da data selecionada. Figura 14. Relatório Trip de Rede Configuração do relatório: Tipo Configuração Eentos/Proporções Proporção: Ag Network Trip = Network Trip total for session / Contagem de Ocorrências eento: Max Network Trip eixo X nenhum Eixo Y nenhum Segmento nenhum Período Data atual Tabela detalhada: Campo Descrição Hora do dia Os dados do relatório são organizados em depósitos por hora. Quando o período de relatório é a data atual, somente os dados para as horas que são capturados e processados estarão disponíeis para relatório. Máximo de trip na rede Tempo máximo de trip de rede em milissegundos durante a hora Clique no link para realizar drill down em todas as sessões relacionadas que ocorreram na hora. Consulte "Procurando Dados da Sessão" no Manual do Usuário do IBM Tealeaf cximpact. 36 IBM Tealeaf cximpact: Guia de Relatório do Tealeaf

45 Média de trip na rede A proporção do tempo de trip de rede em milissegundos para a contagem de ocorrências para a hora Contagem de Sessões com uma Ocorrência Exibe a contagem de sessões com uma ocorrência para cada hora da data selecionada. Sessões com uma ocorrência podem ser um indicador de robôs e outras atiidades automatizadas. Geralmente, essas sessões são consideradas desinteressantes. Figura 15. Relatório Contagem de Sessões com uma Ocorrência Configuração do relatório: Tipo Configuração Eentos/Proporções Eento: Contagem de sessões com 1 ocorrência eixo X nenhum Eixo Y nenhum Segmento nenhum Período Data atual Tabela detalhada: Campo Descrição Hora do dia Os dados do relatório são organizados em depósitos por hora. Quando o período de relatório é a data atual, somente os dados para as horas que são capturados e processados estarão disponíeis para relatório. Capítulo 2. Analisando Dados do Tealeaf 37

46 Contagem de sessões com 1 ocorrência Contagem de sessões com uma ocorrência que são registradas para a hora Clique no link para realizar drill down em todas as sessões relacionadas que ocorreram na hora. Consulte "Procurando Dados da Sessão" no Manual do Usuário do IBM Tealeaf cximpact. Proporção de Sessões com uma Ocorrência Exibe a proporção de sessões com uma ocorrência para a contagem total de sessões para cada hora da data selecionada. Sessões com uma ocorrência podem ser um indicador de robôs e outras atiidades automatizadas. Geralmente, essas sessões são consideradas desinteressantes. Figura 16. Relatório Proporção de Sessões com uma Ocorrência Configuração do relatório: Tipo Configuração Eentos/Proporções Proporção: 1 Hit Sessions / Total Sessions = 1 Hit Session Count / Session Count eixo X nenhum Eixo Y nenhum Segmento nenhum Período Data atual Tabela detalhada: Campo Descrição Hora do dia Os dados do relatório são organizados em depósitos por hora. 38 IBM Tealeaf cximpact: Guia de Relatório do Tealeaf

47 Quando o período de relatório é a data atual, somente os dados para as horas que são capturados e processados estarão disponíeis para relatório. Sessões com 1 ocorrência/total de sessões Proporção de sessões com uma ocorrência para a contagem total de sessões para a hora. Contagem de Cancelamentos de Sol. Clique no link para realizar drill down em todas as sessões relacionadas que ocorreram na hora. Consulte "Procurando Dados da Sessão" no Manual do Usuário do IBM Tealeaf cximpact. Exibe a contagem de páginas canceladas pelo cliente e canceladas pelo seridor para cada hora da data selecionada. Figura 17. Relatório Contagem de Cancelamentos de Solicitações Configuração do relatório: Tipo Configuração Eentos/Proporções Eento: Contagem de cancelamentos de solicitação eixo X nenhum Eixo Y nenhum Segmento nenhum Período Data atual Tabela detalhada: Campo Descrição Hora do dia Os dados do relatório são organizados em depósitos por hora. Capítulo 2. Analisando Dados do Tealeaf 39

48 Contagem Total de Fatos Quando o período de relatório é a data atual, somente os dados para as horas que são capturados e processados estarão disponíeis para relatório. Contagem de cancelamentos de solicitação Número total de eentos de Solicitação Cancelada que são contados na hora Clique no link para procurar todas as sessões concluídas dentro da hora. Consulte "Procurando Dados da Sessão" no Manual do Usuário do IBM Tealeaf cximpact. Número total de fatos que são registrados em todas as sessões para cada hora da data selecionada. Um fato é o registro de uma instância de um eento que é montado com um grupo de relatórios. Se um eento for associado a dois grupos de relatórios, dois fatos são registrados sempre que o eento for acionado. Consulte "Introdução aos Eentos do Tealeaf" no Manual do Gerenciador de Eentos do IBM Tealeaf. Dados factuais são armazenados na solicitação da ocorrência na qual ocorreram. Consulte "Visualizador do RealiTea - Visualização da Solicitação" no Manual do Usuário do IBM Tealeaf RealiTea Viewer. Figura 18. Relatório Contagem de Fatos Total Configuração do relatório: Tipo Configuração Eentos/Proporções Eento: Total de contagem de fatos eixo X nenhum Eixo Y nenhum Segmento nenhum 40 IBM Tealeaf cximpact: Guia de Relatório do Tealeaf

49 Fatos/Ocorrência Período Data atual Tabela detalhada: Campo Descrição Hora do dia Os dados do relatório são organizados em depósitos por hora. Quando o período de relatório é a data atual, somente os dados para as horas que são capturados e processados estarão disponíeis para relatório. Total de contagem de fatos Número total de fatos que são contados na hora Clique no link para procurar todas as sessões concluídas dentro da hora. Consulte "Procurando Dados da Sessão" no Manual do Usuário do IBM Tealeaf cximpact. Número médio de fatos que são registrados em cada ocorrência para cada hora da data selecionada. Um fato é o registro de uma instância de um eento que é acionado com um grupo de relatórios. Se um eento for associado a dois grupos de relatórios, dois fatos são registrados sempre que o eento for acionado. Consulte "Introdução aos Eentos do Tealeaf" no Manual do Gerenciador de Eentos do IBM Tealeaf. Dados factuais são armazenados na solicitação da ocorrência na qual ocorreram. Consulte "Visualizador do RealiTea - Visualização da Solicitação" no Manual do Usuário do IBM Tealeaf RealiTea Viewer. Figura 19. Relatório Fatos/Ocorrências Configuração do relatório: Tipo Configuração Capítulo 2. Analisando Dados do Tealeaf 41

50 Eentos/Proporções Proporção: Facts/Hit = Total Fact Count for session / Contagem de Ocorrências eixo X nenhum Eixo Y nenhum Segmento nenhum Período Data atual Tabela detalhada: Campo Descrição Hora do dia Os dados do relatório são organizados em depósitos por hora. Quando o período de relatório é a data atual, somente os dados para as horas que são capturados e processados estarão disponíeis para relatório. Fatos/Ocorrência Proporção do total de fatos para total de ocorrências para a hora Clique no link para procurar todas as sessões concluídas dentro da hora. Consulte "Procurando Dados da Sessão" no Manual do Usuário do IBM Tealeaf cximpact. Fatos/Sessão Número médio de fatos que são graados em cada sessão para cada hora da data selecionada. Um fato é o registro de uma instância de um eento que é acionado com um grupo de relatórios. Se um eento for associado a dois grupos de relatórios, dois fatos são registrados sempre que o eento for acionado. Consulte "Introdução aos Eentos do Tealeaf" no Manual do Gerenciador de Eentos do IBM Tealeaf. Dados factuais são armazenados na solicitação da ocorrência na qual ocorreram. Consulte "Visualizador do RealiTea - Visualização da Solicitação" no Manual do Usuário do IBM Tealeaf RealiTea Viewer. 42 IBM Tealeaf cximpact: Guia de Relatório do Tealeaf

51 Figura 20. Relatório Fatos/Sessão Configuração do relatório: Tipo Configuração Eentos/Proporções Proporção: Facts/Session = Total Fact Count for session / Session Count eixo X nenhum Eixo Y nenhum Segmento nenhum Período Data atual Tabela detalhada: Campo Descrição Hora do dia Os dados do relatório são organizados em depósitos por hora. Quando o período de relatório é a data atual, somente os dados para as horas que foram capturados e processados estarão disponíeis para relatório. Fatos/Sessão Proporção do total de fatos para total de sessões para a hora Clique no link para procurar todas as sessões concluídas dentro da hora. Consulte "Procurando Dados da Sessão" no Manual do Usuário do IBM Tealeaf cximpact. Capítulo 2. Analisando Dados do Tealeaf 43

52 Atiidade de Eento Por meio do Portal, é possíel reisar as contagens de eentos na Short-Term Canister (STC) e na Long-Term Canister (LTC) por meio de um relatório fornecido. É possíel monitorar contagens e, por meio de drill down, gerar relatórios sobre eentos específicos para o período em foco selecionado no relatório de Atiidade de Eentos. Relatório de Atiidade de Eento O Relatório de Atiidade de Eentos inclui eentos tanto em sessões atias (STC) quanto em sessões concluídas (LTC). Para contagens de eentos em sessões atias, consulte "Monitorando Eentos Atios" no Manual do Usuário do IBM Tealeaf cximpact. Esse relatório exibe todos os eentos no sistema, independentemente de se estão ou estaam atios durante o período de relatório selecionado. Eentos inatios e eentos que não foram acionados durante o período em foco são exibidos como tendo uma contagem igual a 0. Não é possíel realizar drill down em eentos atios não configurados como pesquisáeis. Para obter informações sobre drill downs, consulte Notas sobre Procuras Executadas por meio de Drill Downs do Relatório de Eentos na página 46. O Relatório de Atiidade de Eentos exibe todos os eentos que são detectados nos dados da sessão ao longo do período em foco, juntamente com o número de ocorrências do eento. Para configurar o Relatório de Atiidade de Eentos: 1. No Tealeaf Portal, selecione Analisar > Atiidade do Eento. Figura 21. Opções de Atiidade de Eento 44 IBM Tealeaf cximpact: Guia de Relatório do Tealeaf

53 2. Todos os eentos detectados para o período de relatório atualmente configurado são exibidos. Para filtrar a lista, insira uma sequência de caracteres na caixa de texto Filtro. A lista de eentos disponíeis é atualizada com base na sequência de caracteres inserida. 3. Para agrupar os eentos de acordo com suas etiquetas de eentos, clique na caixa de seleção Visualizar por Etiquetas. 4. Por padrão, os eentos que não foram detectados durante o período de relatório não são exibidos. Para exibir todos os eentos, inclusie aqueles com contagens igual a zero, selecione a caixa de opção Incluir Zeros. Para atualizar a exibição, clique no ícone Atualizar ( ). Para exportar o relatório exibido, clique no ícone Exportar ( ). Consulte o Exportando do Relatório de Atiidade de Eentos. 5. Para alterar o período de relatório, clique no ícone de data na barra de ferramentas. Para selecionar um período de relatório a partir da data atual até um número especificado de dias, faça uma seleção na lista suspensa Seleção Rápida. Para configurar um período de relatório customizado, clique na data de início. Em seguida, pressione SHIFT e clique na data de encerramento. A data de início, a data de encerramento e todas as datas nesse interalo são selecionadas. Para aplicar o período de relatório alterado ao relatório, clique em Aplicar. 6. Seu relatório é exibido. Exportando do Relatório de Atiidade de Eentos Para exportar os dados do relatório no formato XML, clique no botão Exportar na barra de ferramentas. Em seguida, selecione uma das opções a seguir: 1. Excel - Exporte conteúdo do relatório em um relatório XML e exiba-o no Microsoft Excel. É possíel reisar as contagens para cada etiqueta de eento na planilha Etiquetas e as contagens de eentos indiiduais na planilha de Eentos. 2. PDF - Gere o relatório como um PDF Gere o relatório em um qualquer um dos dois formatos e enie-o por a. Selecione o formato do relatório: PDF ou Excel. b. Insira uma mensagem opcional. c. Insira endereços de ou aliases de destinatários, separados por írgulas. d. Para eniar o relatório, clique em Eniar. O relatório é exportado no formato selecionado e eniado por à lista especificada de endereços. Capítulo 2. Analisando Dados do Tealeaf 45

54 Notas sobre Procuras Executadas por meio de Drill Downs do Relatório de Eentos Quando um eento é disparado, ele é registrado no banco de dados de relatório com os alores dimensionais no momento em que o eento foi disparado. Ao fazer drill down em um relatório baseado em ocorrência, uma procura é executada para retornar resultados releantes, que podem retornar as contagens de sessão que não correspondem às expectatias que são baseadas nos dados do relatório pelos motios a seguir. Nota: A explicação a seguir se aplica a relatórios baseados em ocorrência usando filtros de alor de dimensão e como corresponder resultados de relatório a resultados da procura. Dados do relatório baseados em sessão deem corresponder aos resultados da procura. Para alguns relatórios, dependendo do tipo de drill down que é executado, o recurso de procura E na Mesma Página pode ser usado para retornar correspondências corretas. Em alguns casos, no entanto, não é possíel que o aplicatio Portal use esse método de procura e as contagens relatadas para diferir. A procura de texto é baseada em sessão. Quando uma procura é executada, qualquer sessão que contenha o alor dimensional e o eento será retornada, mesmo se o alor dimensional na ocorrência na qual o eento foi disparado for diferente do alor na procura. Por esse motio, um número mais alto de sessões pode ser exibido ao fazer drilling na lista de sessões inicial. Por exemplo, suponhamos que ocê tenha duas sessões de quatro páginas : 1. A sessão 1 tem a página 1 com alor de dimensão App1. Na página 4, o alor é App2 quando o Eent 1 é disparado. 2. A sessão 2 tem a página 1 com alor de dimensão App2. Na página 4, o alor da dimensão é App1 quando o Eent 1 é disparado. Suponhamos que ocê esteja isualizando um relatório que identifique a ocorrência de App2 na primeira página da sessão. Ao clicar no link de drill down, o Portal especifica essencialmente a procura a seguir: Eent=Eent 1 and Application=App2 Como a procura é baseada na sessão, o and lógico é aplicado em toda a sessão, não à ocorrência indiidual. Quando essa procura for executada, tanto a Sessão 1 quanto a Sessão 2 são retornadas, já que Eent 1 e App2 podem estar exibidos em algum lugar na sessão. Os dados do relatório exibem uma contagem igual a 1 para Eent 1 com o alor de dimensão App2. No entanto, ao realizar drill down, duas sessões são retornadas, porque ambas as sessões têm o alor da dimensão App2 e Eent 1. No exemplo anterior, é possíel gerar resultados da procura que são consistentes com os dados do relatório especificando os termos de procura e as condições a seguir: Aplicar um AND lógico Especificar o interalo de data/hora de forma apropriada Aplicar And on same page na especificação da procura, se estier filtrando um alor de dimensão diferente de Caminho. Por padrão, And on same page é aplicado a procuras usando o filtro Caminho. 46 IBM Tealeaf cximpact: Guia de Relatório do Tealeaf

55 Contagens no Relatório Atiidades de Eentos As contagens de eentos no relatório Atiidades de Eentos refletem contagens tanto na Short-Term Canister e na Long-Term Canister. Outros Relatórios de Eentos No entanto, ao realizar drill down em qualquer uma dessas contagens, a procura será executada por meio de índices de procura, que são criados para sessões Concluídas armazenadas no LTC. Por essa razão, contagens de eentos podem diferir entre o relatório Atiidades de Eentos e as procuras de drill down nesse relatório. É possíel reisar relatórios relacionados aos moimentadores superiores em alores de dimensão. Consulte o Analisando Moimentadores Superiores. Analisando Moimentadores Superiores Por meio do Portal, é possíel gerar relatórios sobre os moimentadores superiores que são configurados por meio do Gerenciador de Eentos do Tealeaf. Para criar e reisar relatórios dos moimentadores superiores, selecione Analisar > Moimentadores Superiores no menu Portal. No Tealeaf, um top moimentador é um cálculo armazenado de desios nos alores de eentos, dimensões ou proporções. Usando os alores e contagens registrados do eento ou dimensão, desios são calculados com base na janela contínua configurada. A janela contínua é definida por um parâmetro. Consulte o Janela Contínua na página 70. Os desios padrão para hoje são relatados com base nos dados históricos. O conjunto de dados usado para calcular os moimentadores superiores é baseado nos dias de dados retidos e atualmente disponíeis e no modo que é usado para calculá-los. Nota: Como os desios diários são calculados ao longo de um período de diersas semanas, ocê dee criar os moimentadores diários e permitir que eles adquiram pelo menos duas semanas de dados antes de gerar os relatórios Moimentadores Superiores. Caso contrário, os dados podem não ser significatios. Consulte o Cálculos de Desio na página 69. Os dados do relatório de moimentador superior podem ser calculados para: 1. Eentos 2. Eentos com alores de dimensões Nota: Para Moimentadores Superiores para dimensões, somente os alores exibidos na lista de desbloqueio de uma dimensão e marcados para rastreamento de Moimentador Superior podem ser exibidos em um relatório Moimentadores Superiores. Para os Moimentadores Superiores de dimensão, crie uma lista de desbloqueio de alores e marque um conjunto de alores primeiro. Consulte "Listas de Desbloqueio e Listas de Bloqueio" no Manual do Gerenciador de Eentos do IBM Tealeaf. 3. Proporções de Contagens de Eentos Capítulo 2. Analisando Dados do Tealeaf 47

56 Visão Geral (Oeriew) Nota: A criação e o relatório sobre moimentadores de Hora em Hora, de dimensão e de proporção é um aprimoramento que está associado ao cxview, um componente licenciáel separado do sistema Tealeaf CX. Consulte "Aperfeiçoamentos em Moimentadores Superiores para cxview" no Manual do Usuário do IBM Tealeaf cxview. Esses alores são, então, agregados para armazenamento de forma horária ou diária. O armazenamento de moimentadores de hora em hora requer mais espaço. Para obter informações adicionais sobre como criar moimentadores, consulte "Guia Moimentadores Superiores do TEM" no Manual do Gerenciador de Eentos do IBM Tealeaf. Os moimentadores calculados podem, então, ser exibidos na página Moimentadores Superiores para mostrar graficamente ariações em alores ou contas. Também é possíel aplicar dimensões no relatório Moimentador Superior para filtrar a exibição para mostrar somente as informações do Moimentador Superior em um contexto limitado. Consulte o Incluindo Dimensões na página 54. Por padrão, os Moimentadores Superiores não são calculados e armazenados para eentos e dimensões. Se desejar, é possíel atiar a criação automática de moimentadores superiores para todos os eentos e dimensões atualmente atios. Consulte "Gerenciamento de Dados para Moimentadores Superiores" no Manual do Gerenciador de Eentos do IBM Tealeaf. Se a criação automática estier atiada, ocê dee criar manualmente os moimentadores superiores para cada eento e dimensão que deseje controlar. Consulte "Guia Moimentadores Superiores do TEM" no Manual do Gerenciador de Eentos do IBM Tealeaf. Na página Moimentadores Superiores, é possíel incluir moimentadores no relatório, que é atualizado imediatamente para exibir os moimentadores para a data em foco selecionada. Um relatório pode ser configurado para exibir moimentadores para um interalo de datas. Os dados do relatório incluem moimentadores calculados para a janela contínua anterior. Consulte o Alterando o Período de Foco na página 61. Para obter informações adicionais sobre como a janela contínua é definida, consulte Janela Contínua na página 70. Em cada relatório, é possíel exibir moimentadores de Hora em Hora ou Diários, mas não ambos. Consulte o Moimentadores de Hora em Hora ersus Diários na página 53. Todos os moimentadores superiores que não são baseados em dimensões são gerados a partir de No Dimension Report Group para o eento. Nota: Dependendo do olume de dados, o rastreamento dos moimentadores superiores podem requerer armazenamento de dados significatio. Para restringir os requisitos de armazenamento para os moimentadores superiores, o Tealeaf requer que ocê escolha manualmente controlar cada moimentador. 48 IBM Tealeaf cximpact: Guia de Relatório do Tealeaf

57 Figura 22. Tela Moimentadores Superiores Para incluir um moimentador no relatório, clique em Incluir Moimentador Superior. Consulte o Incluindo Moimentadores Superiores na página 52. Na guia Dimensões, também é possíel incluir dimensões em um relatório para filtrar os dados do Moimentador Superior por alores contextuais específicos. Consulte o Incluindo Dimensões na página 54. Informações adicionais sobre um Moimentador Superior estão disponíeis na dica de ferramenta. Quando um moimentador for incluído no relatório, a janela é atualizada automaticamente. Consulte o Janela do Relatório na página 57. Comandos de relatório estão disponíeis na barra de ferramentas acima da janela do relatório. Consulte o Barra de Ferramentas na página 50. É possíel alterar o interalo de data em foco para o relatório. Consulte o Alterando o Período de Foco na página 61. Fluxo de Trabalho O procedimento a seguir é um fluxo de trabalho generalizado para criação de relatórios Moimentador Superior. Antes se Iniciar, ocê dee reisar e decidir o modo de cálculo a ser usado para calcular os moimentadores superiores. Consulte o Modo de Cálculo de Moimentadores Superiores na página Para iniciar um noo relatório, clique no ícone Criar Noo na barra de ferramentas. Consulte o Barra de Ferramentas na página Para incluir um moimentador, clique em Incluir Moimentador Superior no painel esquerdo. Selecione o tipo de moimentador a incluir (de Hora em Hora ou Diário). Nota: A criação e o relatório sobre moimentadores de Hora em Hora é um aprimoramento que está associado ao cxview, um componente licenciáel Capítulo 2. Analisando Dados do Tealeaf 49

58 separado do sistema Tealeaf CX. Consulte "Aperfeiçoamentos em Moimentadores Superiores para cxview" no Manual do Usuário do IBM Tealeaf cxview. O gráfico e a tabela detalhada podem exibir os dados para um número de moimentadores ilimitado. No entanto, o gráfico pode se tornar ilegíel. 3. Para aplicar um filtro dimensional para o moimentador incluído, clique e arraste uma dimensão da guia Dimensões para a caixa Incluir Filtro no gráfico. Consulte o Incluindo Dimensões na página Para alterar o interalo em foco, clique no ícone de data na barra de ferramentas. Com base em sua seleção, o relatório é atualizado. Por padrão, Moimentadores Superiores diários exibem dados do dia atual e Moimentadores Superiores de hora em hora exibem dados da hora cheia mais recente da data atual. É possíel alterar o interalo de data exibido no relatório. Consulte o Alterando o Período de Foco na página Como opção, é possíel filtrar o relatório para exibir somente os N moimentadores Superiores, que são baseados em alor absoluto do desio padrão medido. Consulte o Filtragem de N Superiores na página Também é possíel aplicar um sombreamento isual ao relatório com base em alores limite especificados. Consulte o Limite Visual na página Conforme necessário, é possíel classificar a exibição na tabela detalhada clicando no cabeçalho de uma coluna. Consulte o Tabela de Detalhes do Moimentador na página Se desejar, é possíel incluir uma descrição para o relatório. Consulte o Descrição do Gráfico na página Para salar o relatório gerado, clique no ícone Salar ( ) na barra de ferramentas. Insira um nome no diálogo e clique em Salar. 10. Exporte os dados do relatório conforme necessário. Consulte o Exportar na página Na página Moimentadores Superiores, também é possíel incluir o relatório como um componente em um painel existente. Consulte o Incluindo Relatórios em Painéis na página 65. Barra de Ferramentas Figura 23. Barra de Ferramentas Moimentadores Superiores Os comandos a seguir estão disponíeis por meio da barra de ferramentas. Tabela 3. Barra de Ferramentas. Ícone Comando Descrição Data de foco Atualizar Altere o interalo de data em foco para o relatório. Consulte o Alterando o Período de Foco na página 61. Atualize o relatório exibido. 50 IBM Tealeaf cximpact: Guia de Relatório do Tealeaf

59 Tabela 3. Barra de Ferramentas (continuação). Ícone Comando Descrição Criar noo Crie um relatório. Abrir Salar Abra um relatório salo. Nota: Ao procurar um relatório Moimentador Superior por etiqueta, todas as etiquetas de relatórios são exibidas, mesmo se não contierem Moimentadores Superiores. Se um relatório Moimentador Superior não estier designado explicitamente a uma etiqueta, ele estará disponíel na etiqueta Padrão. Sale o relatório atual. Salar como Excluir Permissões de acesso do relatório Planejar relatório Exportar Incluir relatório no painel Sale o relatório atual sob um noo título de relatório. Exclua o relatório atual. Nota: Para excluir um relatório, ocê dee ser um administrador do Tealeaf, um administrador para o relatório ou o proprietário do relatório. Consulte o Relatório de Permissões de Acesso na página 62. Permissões de acesso de mudança para o relatório atual. Consulte o Relatório de Permissões de Acesso na página 62. Configure uma captura instantânea de relatório planejado para entrega aos usuários especificados por . Consulte o Planejamentos de Relatório na página 64. Exporte o conteúdo do relatório para Excel ou PDF. Consulte o Exportar na página 65. Inclua o relatório em um painel existente. Consulte o Incluindo Relatórios em Painéis na página 65. Capítulo 2. Analisando Dados do Tealeaf 51

60 Tabela 3. Barra de Ferramentas (continuação). Ícone Comando Descrição Opções Altere as opções de relatório, como aplicar filtragem de N Superiores ao relatório. Consulte o Opções na página 67. Incluindo Moimentadores Superiores É possíel incluir moimentadores por meio do painel esquerdo. Clique em Incluir Moimentador Superior. Se o relatório estier azio, é possíel selecionar o tipo de moimentador a incluir (Incluir Moimentador de Hora em Hora ou Incluir Moimentador Diário ). Nota: A criação e o relatório sobre moimentadores de Hora em Hora é um aprimoramento que está associado ao cxview, um componente licenciáel separado do sistema Tealeaf CX. Consulte "Aperfeiçoamentos em Moimentadores Superiores para cxview" no Manual do Usuário do IBM Tealeaf cxview. Nota: Após incluir um moimentador diário ou de hora em hora em um relatório, é possíel exibir somente moimentadores desse tipo. Para relatar sobre o outro tipo de moimentador, ocê dee configurar um noo relatório. Figura 24. Seletor de Moimentador Superior Diário O tipo de moimentador que está incluindo será listado na barra de título. Tanto moimentadores inatios quanto atios serão exibidos. 52 IBM Tealeaf cximpact: Guia de Relatório do Tealeaf

61 Se uma dimensão já estier incluída, a lista de Moimentadores Superiores disponíeis será filtrada para mostrar somente os moimentadores que podem ser usados com a dimensão incluída. Consulte o Incluindo Dimensões na página 54. Se o moimentador incluído contier uma dimensão, a dimensão será listada após os dois pontos. Por exemplo, a dimensão no moimentador Network Time : URL é a dimensão URL. Nota: A criação e o relatório sobre moimentadores de dimensão é um aprimoramento que está associado ao cxview, um componente licenciáel separado do sistema Tealeaf CX. Consulte "Aperfeiçoamentos em Moimentadores Superiores para cxview" no Manual do Usuário do IBM Tealeaf cxview. Para filtrar a exibição, insira uma sequência de caracteres de texto na caixa de texto Filtrar e pressione RETURN. O Seletor de Moimentador Superior é atualizado para exibir somente os moimentadores cujos nomes incluem a sequência de caracteres inserida. Para selecionar um moimentador, clique na caixa de opção ao lado de seu nome. Para incluir os moimentadores selecionados no relatório, clique em Selecionar. Para cancelar, clique em Cancelar. Após incluir moimentadores, a janela do relatório será atualizada automaticamente. Consulte o Janela do Relatório na página 57. Para obter informações adicionais sobre Moimentadores Superiores, consulte "Incluindo Moimentadores Superiores" e "Modo de Cálculo de Moimentadores Superiores" no Guia de Relatório do IBM Tealeaf cximpact. Menu de Contexto Moimentador Superior Após um Moimentador Superior ser incluído no gráfico, os itens de menu a seguir estão disponíeis na lista suspensa ao lado do Moimentador Superior no painel esquerdo: Menu Item Descrição Renomear Renomeie o Moimentador Superior. Essa renomeação se aplica somente ao relatório; o nome dos dados de origem não é alterado. Remoer Remoa os Moimentador Superior do relatório. Moimentadores de Hora em Hora ersus Diários Em cada relatório, é possíel exibir moimentadores de Hora em Hora ou Diários, mas não ambos. Quando os moimentadores de hora em hora são selecionados, somente moimentadores de Hora e Hora podem ser usados no relatório. Nota: A criação e o relatório sobre moimentadores de Hora em Hora é um aprimoramento que está associado ao cxview, um componente licenciáel separado do sistema Tealeaf CX. Consulte "Aperfeiçoamentos em Moimentadores Superiores para cxview" no Manual do Usuário do IBM Tealeaf cxview. Se estier usando moimentadores de Hora em Hora, é possíel configurar a hora que é exibida no relatório. Consulte o Alterando o Período de Foco na página 61. Capítulo 2. Analisando Dados do Tealeaf 53

62 Para alternar entre moimentadores Diários e de Hora em Hora ou ice-ersa, limpe o relatório. Os moimentadores podem ser criados para alores de eentos, alores dimensionais ou proporções. Consulte "Guia Moimentadores Superiores do TEM" no Manual do Gerenciador de Eentos do IBM Tealeaf. Para obter informações adicionais sobre as diferenças no conteúdo exibido para cada tipo de moimentador, consulte Janela do Relatório na página 57. Filtragem de N Superiores Como opção, é possíel configurar o relatório para exibir um número selecionado dos moimentadores mais superiores, que são baseados no alor absoluto do desio calculado. Por exemplo, suponhamos que seu relatório exiba os moimentadores a seguir: Moimentador A: -1,44 Moimentador B: 0,32 Moimentador C: 0,85 Se ocê configurar o relatório para exibir os dois moimentadores superiores, então, o relatório exibe o Moimentador A e o Moimentador C. Como o alor absoluto do Moimentador B é o mínimo, ele será descartado do relatório. Usando essa opção, é possíel exibir os moimentadores mais atios em um relatório. 1. Na barra de ferramentas, clique no botão Opções. Também é possíel editar o título do relatório na janela Opções. Consulte o Opções na página Na janela Opções, clique na caixa de opção Display Top N Values by Std De Count. 3. Na caixa de texto, insira um alor para o número de moimentadores superiores mais oláteis para exibir no relatório. 4. Clique em Aplicar. Para cancelar as alterações, clique em Cancelar. 5. O relatório é atualizado para exibir somente os N moimentadores Superiores que ocê configurou. Incluindo Dimensões É possíel aplicar filtragem de dimensão em seu relatório Moimentadores Superiores. A lista de dimensões disponíeis é filtrada por padrão para exibir somente as dimensões que se aplicam ao Moimentador Superior ou Moimentadores atualmente no relatório. Para exibir todas as dimensões atias, clique na caixa de seleção Mostrar todas as Dimensões. Para incluir uma dimensão, arraste-a da barra de naegação à esquerda para a caixa <Incluir Filtro>. A dimensão é incluída no relatório. Também é possíel clicar na caixa <Incluir Filtro> para abrir o seletor de Dimensão. Menu Suspenso Dimensão Quando uma dimensão for incluída, os comandos a seguir estarão disponíeis no menu suspenso. 54 IBM Tealeaf cximpact: Guia de Relatório do Tealeaf

63 Comando Descrição Filtro Filtre o relatório para exibir dados somente para os alores de dimensões especificadas. Consulte o Filtragem Dimensional. Renomear Renomeie a dimensão para propósitos do relatório. Insira um noo nome e clique em Aplicar. Remoer Remoa a dimensão do relatório. Filtragem Dimensional É possíel reduzir quais dados são incluídos no gráfico, editando a filtragem de dimensão para incluir ou excluir dimensões específicas e para limitar a exibição de dimensões filtradas para um número de alores N Superiores. Por exemplo, suponhamos que esteja interessado em alores do Moimentador Superior para URLs específicas em seu aplicatio da web. Dependendo do site, a lista de URLs pode ser muito longa para ser útil. Usando a filtragem dimensional, é possíel limitar o relatório para exibir somente os 25 alores superiores. Por diersos motios, pode ser que já tenha decidido filtrar a lista de alores na dimensão da URL (Normalizada) em uma lista de desbloqueio de URLs aceitas e úteis. No Construtor de Relatório do Tealeaf, é possíel filtrar o relatório para exibir somente os 25 alores superiores a partir da lista de desbloqueio. Na definição da dimensão, alguma filtragem e mapeamento de alores de dimensão pode já estar especificada em uma lista de desbloqueio ou em uma lista de bloqueio. Quando os dados são detectados, essas modificações são feitas antes que os dados estejam disponíeis para relatório. Consulte "Guia Dimensões do TEM" no Manual do Gerenciador de Eentos do IBM Tealeaf. 1. Para filtrar o relatório que é baseado em uma dimensão que ocê inclui, clique no menu suspenso ao lado da dimensão incluída e selecione Filtrar. 2. O diálogo Filtro de Dimensão é exibido: Capítulo 2. Analisando Dados do Tealeaf 55

64 Figura 25. Moimentadores Superiores - Filtro de Dimensão 3. Escolha sua opção de filtragem da lista suspensa: Opcional Descrição Nenhum Filtro Não filtrar o relatório usando alores de dimensão. Incluir Somente Valores Selecionados Exibir no relatório somente dados para os alores de dimensão selecionados. Excluir Somente Valores Selecionados Remoer do relatório dados de exibição para os alores de dimensões selecionados. 4. Para especificar alores a filtrar, clique em Incluir Valores. Para incluir alores de todo o conjunto de alores detectados, selecione All Values. Para incluir alores somente de uma lista de desbloqueio especificada, selecione Whitelisted Values. 5. O Seletor de Valor de Dimensão é exibido: 56 IBM Tealeaf cximpact: Guia de Relatório do Tealeaf

65 Figura 26. Moimentadores Superiores - Seletor do Valor de Dimensão Janela do Relatório 6. Selecione os alores de dimensão a incluir ou excluir. É possíel optar por incluir ou excluir os alores de constantes de dimensões: [Null], [Empty], [Limit], ou[others]. Consulte "Constantes de Dimensão" no Manual do Gerenciador de Eentos do IBM Tealeaf. 7. Clique em Aplicar. 8. O diálogo Filtro de Dimensão é exibido noamente. Para limpar a lista de alores, clique em Limpar Valores. 9. Para remoer qualquer alor de filtro listado, clique no ícone X ao lado dele. 10. Para aplicar as mudanças para filtragem de dimensão, clique em Aplicar. O relatório é atualizado automaticamente. Para cancelar as mudanças, clique em Cancelar. Quando mudanças forem feitas na configuração do relatório, a janela do relatório será atualizada com os noos dados do relatório. Para forçar uma atualização da janela do relatório, clique no ícone Atualizar ( ) na barra de ferramentas. Capítulo 2. Analisando Dados do Tealeaf 57

66 Nota: Se ocê não estier endo os dados para seus Moimentadores Superiores, uma configuração adicional pode ser necessária. Consulte "Resolução de Problemas - Moimentadores Superiores" no Guia de Resolução de Problemas do IBM Tealeaf. Figura 27. Janela do Relatório Moimentadores Superiores No relatório, cada moimentador é representado por barras erticais de uma cor diferente, mostrando os alores de desio de cada moimentador para cada período de tempo. Moimentadores podem ser exibidos em um interalo de diersas datas. Cada barra indica o desio padrão para os alores de uma data, o que é baseado em dados da janela contínua. Moimentadores diários: O relatório indica mudança como uma porcentagem entre a data em foco e os dados para o moimentador na janela contínua. Moimentadores de hora em hora: O relatório indica mudança como uma porcentagem entre a hora exibida da data em foco e os dados para o moimentador na janela contínua. Nota: Os Moimentadores Superiores são classificados para exibição com base na contagem de desios padrão e são coloridos com base nessa ordem. Quando um noo Moimentador Superior é incluído em um gráfico existente, a codificação de cor para cada moimentador pode ser alterada. 58 IBM Tealeaf cximpact: Guia de Relatório do Tealeaf

67 Para cada tipo de moimentador, os dados na janela contínua dependem do modo de cálculo configurado. Consulte o Modo de Cálculo. Modo de Cálculo Logo abaixo do eixo X do gráfico, é possíel reisar o modo de cálculo que é usado para os Moimentadores Superiores no relatório. Para cada modo de cálculo, uma instrução diferente será exibida. Nos exemplos a seguir, o número mínimo de pontos de dados é configurado para 4 e o número máximo de pontos de dados é 16. Esses alores são os alores padrão. Os alores mínimo e máximo podem ser configuradas por parâmetro. Consulte o Janela Contínua na página 70. Modo de Cálculo Instrução de Relatório Dias Consecutios Top Moers based on data from 4 to 16 data points (consecutie days) Mesmos Dias Top Moers based on data from 4 to 16 data points (same day of week) Para obter informações adicionais sobre modos de cálculo, consulte Modo de Cálculo de Moimentadores Superiores na página 69. Descrição do Gráfico Abaixo do gráfico, é possíel inserir uma descrição do gráfico, que também é exibido em ersões exportadas. Para inserir uma descrição do gráfico, clique na caixa de texto abaixo do gráfico. Insira sua descrição e clique em Aplicar. Para salar as mudanças em seu gráfico, clique no ícone Salar ( ) na barra de ferramentas. Tabela de Detalhes do Moimentador Detalhes do relatório são exibidos em uma tabela abaixo do gráfico. Não é possíel classificar pelo nome do moimentador. Para organizar a grade em uma ordem específica, inclua os moimentadores no relatório na ordem desejada. Para redimensionar a largura de uma coluna, clique e arraste a borda direita do cabeçalho da coluna. Se qualquer coluna contier o alor --, há dados insuficientes para concluir o cálculo do moimentador. Coluna Descrição Data Registro de data para dados do moimentador. Para moimentadores de hora em hora, cada linha representa uma hora diferente do dia. Limite Se limite for aplicado ao gráfico isual, um ponto azul indica os alores de linha que estão fora do limite definido. Consulte o Limite Visual na página 68. Moimentador Nome do moimentador Capítulo 2. Analisando Dados do Tealeaf 59

68 Clique no link do nome do Moimentador Superior para realizar drill down nos dados. Consulte o Drill Down do Moimentador. Contagem de Desio Padrão Número de desios é a diferença entre a contagem do período em foco menos a média do conjunto anterior de pontos de dados. A fórmula: (Current count - ag of pre X data points) / (Standard deiation of pre X data points) Focus DoD% Contagem de instâncias durante o período em foco Mudança em contagens entre o dia da semana anterior e a data em foco, como uma porcentagem do dia da semana anterior HoH% Mudança em contagens entre a hora da semana anterior e a hora exibida para a data em foco, como uma porcentagem da hora da semana anterior Weekly Ag ou Daily Ag A média de alores na janela contínua, dependendo do modo de cálculo Esse cálculo é baseado nos alores mínimo e máximo a serem usados no cálculo. Consulte o Janela Contínua na página 70. Std De Cálculo do desio padrão Drill Down do Moimentador É possíel realizar drill down em cada moimentador no relatório para reelar os dados do relatório base a partir dos quais os desios foram calculados. Dependendo do tipo de moimentador, um tipo de relatório diferente é exibido no Construtor de Relatório do Tealeaf: Tipo de Moimentador Tipo de Relatório eento Relatório de eentos para o dia em foco dimensão Relatório com a dimensão selecionada como o eixo Y. O eixo X é preenchido pela dimensão Dia se a origem for um moimentador Diário ou dimensão Hora do Dia, ou se a origem for um moimentador de Hora em Hora. proporção Relatório com a proporção selecionada para o dia em foco eaproporção com o alor da dimensão e do segmento como alores incluídos na lista de desbloqueio. Consulte o Capítulo 3, Construtor de Relatório do Tealeaf, na página 111. Problemas de Exibição de Relatório Estas informações fornecem alguns detalhes básicos sobre como aaliar problemas na exibição desses relatórios. Quando estier criando um relatório Moimentador Superior, ocê está contando com a captura, agregação e armazenamento bem-sucedidos dos dados subjacentes. As ariações nesses dados são então calculadas e armazenadas, ficando disponíeis para relatório. Embora a página Moimentadores Superiores permita incluir moimentadores assim que forem criados ou para combinar diersos moimentadores para qualquer data em foco, os dados subjacentes não podem suportar o relatório. 60 IBM Tealeaf cximpact: Guia de Relatório do Tealeaf

69 Alterando o Período de Foco Pode lear pelo menos duas semanas após um moimentador ser criado antes que ele seja preenchido com dados úteis suficientes para preencher um relatório Moimentadores Superiores. Consulte o Cálculos de Desio na página 69. Se o relatório estier em branco, a combinação de moimentadores e da data em foco resulta em nenhum dado disponíel. Tente alterar o interalo de data. Se não for possíel localizar uma data que contenha dados do moimentador, ocê dee reer a data com relação à data de criação para o moimentador no diálogo Histórico de Mudanças. Consulte "Histórico de Mudanças de Objeto" no Manual do Gerenciador de Eentos do IBM Tealeaf. Por meio do Construtor de Relatório do Tealeaf, é possíel criar um relatório simples para erificar se os eentos de origem ou as dimensões são preenchidas com dados para a data em foco selecionada. Consulte o Capítulo 3, Construtor de Relatório do Tealeaf, na página 111. Se o relatório contier diersos moimentadores e faltar dados um dos moimentadores, os dados do outro moimentador ainda são exibidos. Tente remoer o moimentador que contém dados para er se a mensagem de erro anterior será exibida, então. Se não for possíel localizar o moimentador a incluir, erifique se ocê selecionou o tipo correto de moimentador a incluir. Somente moimentadores de hora em hora são exibidos se ocê estier usando moimentadores de Hora em Hora na página do relatório. Limites de Exibição de Relatório Nota: Se ocê incluir um Moimentador Superior ou dimensão e o número total de linhas em potencial a serem exibidas na tabela detalhada exceder linhas, um aiso indica que o desempenho do relatório foi afetado. Se o aiso for ignorado, o Construtor de Relatório tenta consultar e exibir o relatório. Se esse limite de linhas for realmente excedido nos dados retornados, o relatório não será exibido. Consulte o A consulta de relatório retornou muitas linhas (> 1.000). Filtre ou execute N Superiores em sua solicitação. na página 156. Se o aiso for cancelado, as mudanças propostas são mantidas de forma que seja possíel aplicar filtragem para reduzir o escopo do relatório. Consulte o Filtragem Dimensional na página 55. O relatório Moimentadores Superiores pode exibir os moimentadores superiores para diersos dias. Para alterar o interalo de data em foco, execute as etapas a seguir. O período em foco padrão é o último período concluído para o tipo de Moimentador Superior. Por exemplo, se for 10h30 em 26 de abril, o horário padrão para os Moimentadores Superiores de hora em hora é 9h em 26 de abril. Para os Moimentadores Superiores diários, o foco padrão é 25 de abril. 1. Para alterar o período em foco, clique na data na barra de ferramentas. O Seletor de Data é exibido: Capítulo 2. Analisando Dados do Tealeaf 61

70 Figura 28. Seletor de Data 2. No Seletor de Data, selecione o interalo de data no qual focar. Selecione a primeira data no interalo. Se desejar selecionar diersas datas, selecione a segunda data. O interalo de datas entre as duas datas é selecionado, incluindo as datas selecionadas. Para selecionar os interalos de data que se estendem desde a data de hoje, faça uma seleção na lista suspensa Seleção Rápida. É possíel usar os botões << e >> para selecionar entre diferentes meses. 3. Se estier usando moimentadores de Hora em Hora, é possíel selecionar a hora do dia que será exibida na lista suspensa Hora. Por padrão, Moimentadores Superiores de Hora em Hora exibem dados para todas as horas disponíeis da data atual. 4. Para gerar o relatório para o período em foco selecionado, clique em Aplicar. Nota: O relatório é atualizado automaticamente com cálculos de dados com base na noa data em foco. Se os dados não estierem disponíeis para nenhuma parte desse noo período de relatório, alores igual a 0 serão inseridos nos cálculos em ez disso. Relatório de Permissões de Acesso Na janela Permissões de Acesso ao Relatório, é possíel selecionar os usuários e grupos que podem isualizar e editar o relatório atual. 62 IBM Tealeaf cximpact: Guia de Relatório do Tealeaf

71 Figura 29. Relatório de Permissões de Acesso Para configurar o acesso, selecione os grupos de usuários apropriados no painel esquerdo ou direito e clique em Salar. No painel esquerdo, é possíel configurar os administradores do relatório por grupo de usuários disponíel. Os administradores de relatórios têm todas as permissões disponíeis para usuários especificados do relatório. Os administradores de relatórios podem editar e excluir o relatório. Os membros dos grupos Admin e cxview Admin são administradores para todos os relatórios no sistema. No painel direito, é possíel configurar os usuários do relatório por grupo de usuários disponíel. Os usuários do relatório podem er o relatório, alterar parâmetros, exportá-lo e sala-o com um noo nome. Também é possíel alterar permissões de acesso ao relatório do moimentador por meio do Gerenciador de Relatório. Consulte o Capítulo 4, Gerenciador de Relatório, na página 159. Capítulo 2. Analisando Dados do Tealeaf 63

72 Planejamentos de Relatório Figura 30. Relatório de Planejamento É possíel planejar a execução do relatório de forma diária, semanal ou mensal para entrega aos usuários selecionados em formato PDF ou Excel. Nota: Para configurar e entregar as capturas instantâneas de relatórios a partir do Portal, ocê dee inserir um endereço de álido para sua conta de usuário. Consulte "Minhas Configurações" no Manual do Usuário do IBM Tealeaf cximpact. Para planejar a execução de um relatório, clique no ícone Planejar relatório ( ) na barra de ferramentas. A guia Geral do Gerenciador de Relatório é exibida. Consulte o Capítulo 4, Gerenciador de Relatório, na página 159. Para obter informações adicionais sobre como configurar as permissões de acesso para relatórios, consulte "Permissões de Acesso do Relatório" no Manual de Administração do IBM Tealeaf cximpact. 64 IBM Tealeaf cximpact: Guia de Relatório do Tealeaf

73 Exportar Para exportar uma pontuação, clique no ícone Exportar ( ) na barra de ferramentas. Selecione o tipo de exportação: Excel - Exporte os dados do relatório no formato XML para uso no Microsoft Excel. PDF - Gere o relatório em formato PDF. - Gere o relatório em um qualquer um dos dois formatos e enie-o por 1. Selecione o formato do relatório: PDF ou Excel. 2. Insira uma mensagem opcional. 3. Insira endereços de ou aliases de destinatários, que são separados por írgulas. 4. Para eniar o relatório, clique em Eniar. O relatório é exportado no formato selecionado e eniado por à lista especificada de endereços. Incluindo Relatórios em Painéis É possíel incluir o relatório atualmente exibido em um painel. Para incluí-lo, clique no ícone Incluir relatório no painel na barra de ferramentas. O diálogo Incluir relatório no painel é exibido. É possíel incluir relatórios em painéis aos quais ocê tem acesso. Nota: É possíel incluir gráficos de relatórios em painéis somente se o relatório puder ser colocado em gráfico. Consulte o Janela do Relatório na página 57. Figura 31. Incluir Relatório no Painel Propriedade Descrição Capítulo 2. Analisando Dados do Tealeaf 65

74 Título É possíel editar o título exibido no painel sem alterar o título do relatório. Tamanho Defina o tamanho do relatório conforme exibido no painel. Esses alores são blocos de grade, que são refletidos na imagem à direita dos parâmetros de dimensionamento. Cor Especifique a cor base do relatório. Atualizações É possíel configurar com que frequência o relatório de painel consulta se há informações atualizadas no relatório salo. Não há utilidade configurar atualizações para que ocorram com frequência superior a uma ez por hora ou uma ez ao dia, dependendo do tipo dos Moimentadores Superiores no relatório. Nota: Se o relatório que está incluindo no painel fizer referência a dados somente de sessões concluídas, configurar um interalo de atualização para mais frequente do que o interalo no qual o processo de coleta de dados é executado não é útil. Por padrão, a coleta de dados ocorre a cada cinco minutos; nesse caso, as atualizações de relatório não deem ocorrer a uma frequência maior do que um interalo de cinco minutos para relatórios que contêm somente dados de sessões completas. Se o relatório fizer referência a dados de sessões atias, é possíel configurar o interalo de atualização para que seja mais frequente do que a cada cinco minutos. Dependendo do relatório configurado e do número de relatórios no painel, pode haer impactos de desempenho. Hora Para os moimentadores superiores por hora, é possíel selecionar a hora da data selecionada para relatar no componente do painel. A seleção All Hours exibe todas as horas do dia selecionado. Período Para os moimentadores superiores, é possíel selecionar o período da data selecionada para relatar no componente do painel. É possíel escolher atualizar o relatório diariamente, semanalmente, mensalmente ou trimestralmente. Exibição Selecione o componente do relatório para exibir no painel: Chart ou Table. É possíel incluir ambos como componentes separados no mesmo painel. Drill down Quando Enabled, os usuários do painel podem fazer drill down nos dados do painel para reisar o relatório subjacente. Guia de destino Para selecionar o painel e sua guia na qual incluir o relatório, clique em Selecionar uma Guia. Selecione o painel e a guia na qual incluir o relatório. Consulte "Incluindo um componente de relatório" no Manual do Usuário do IBM Tealeaf cxview. Para obter informações adicionais sobre as propriedades, consulte "Propriedades Comuns do Componente do Painel" no Manual do Usuário do IBM Tealeaf cxview. 66 IBM Tealeaf cximpact: Guia de Relatório do Tealeaf

75 Opções Para alterar as opções de relatório, clique no botão Opções na barra de ferramentas. Figura 32. Opções de Relatório Na tela Opções, as opções a seguir estão disponíeis: Opcional Descrição Título do relatório Para incluir um título no relatório, insira o título na caixa de texto. Modo do relatório Selecione um modo para o relatório. Consulte o Modo de Relatório. Exibir os N alores superiores por contagem de desio padrão Quando selecionado, ocê pode configurar o relatório para exibir os moimentadores superiores especificados na caixa de opção. Informações adicionais sobre filtragem de N Superiores está disponíel na dica de ferramenta Informações. Consulte o Filtragem de N Superiores na página 54. Modo de Relatório Conforme necessário, é possíel configurar o relatório a ser exibido em um dos modos a seguir: Modo Descrição Custom Moimentadores Superiores incluídos no relatório são exibidos de acordo com suas seleções específicas. All Hourly Top Moers O relatório Moimentador Superior exibe todos os Moimentadores Superiores de hora em hora atualmente atios. Capítulo 2. Analisando Dados do Tealeaf 67

76 Nota: Dependendo do número de Moimentadores Superiores de hora em hora atualmente atios no sistema, essa opção pode tornar a exibição do gráfico difícil de ler. Você dee combinar esse modo com uma configuração de N Superiores para limitar a exibição aos Moimentadores Superiores mais atios. All Daily Top Moers O relatório Moimentador Superior exibe todos os Moimentadores Superiores diários atualmente atios. Nota: Dependendo do número de Moimentadores Superiores de hora em hora atualmente atios no sistema, essa opção pode tornar a exibição do gráfico difícil de ler. Você dee combinar esse modo com uma configuração de N Superiores para limitar a exibição aos Moimentadores Superiores mais atios. Conforme necessário, é possíel configurar a criação automática de Moimentadores Superiores de hora em hora e diários para eentos e dimensões. Consulte "Gerenciamento de Dados para Moimentadores Superiores" no Manual do Gerenciador de Eentos do IBM Tealeaf. Limite Visual Para um relatório configurado, é possíel definir limites nos quais aplicar sombreamento isual na exibição para indicar que as áreas sombreadas não são importantes para o relatório. Na tela Opções, clique na caixa de seleção Limite Visual para atiar limitação. Opcional Descrição Limite Configure esse alor para um número positio para indicar o alor absoluto do limite a aplicar ao relatório. Cada alor de número inteiro para o limite corresponde a um desio padrão. É possíel aplicar um limite por ez a um relatório. Direção Defina a direção à qual o limite é aplicado: Positie and Negatie - Moimentadores com contagens de desio padrão maior que o positio do alor Threshold e menor que o negatio do alor Threshold são considerados como importantes. Valores dentro desses limites são sombreados. Positie - Moimentadores com uma contagem de desio padrão maior que o alor Threshold estão isíeis. Outros alores, incluindo alores negatios, são sombreados. Negatie - Moimentadores com uma contagem de desio padrão menor que o alor Threshold estão isíeis. Outros alores, incluindo alores positios, são sombreados. Se um número inteiro positio for inserido para uma direção de limite negatio, ele será conertido automaticamente para um alor negatio. Para aplicar o limite especificado, clique em Aplicar. 68 IBM Tealeaf cximpact: Guia de Relatório do Tealeaf

77 No exemplo a seguir, um alor limite igual a 1 é aplicado a alores positios e negatios do moimentador. A área sombreada reflete os alores de desio que não são considerados importantes. Na tabela detalhada, um alor é indicado para exceder o limite definido. Figura 33. Relatório Moimentadores Superiores com Limite Positio e Negatio=1 Aplicado Cálculos de Desio Estas informações fornecem algumas informações básicas sobre como o Tealeaf calcula desios padrão, que são usados para preencher os Moimentadores Superiores. Modo de Cálculo de Moimentadores Superiores Em um níel global, é possíel configurar os dias durante os quais os Moimentadores Superiores são calculados. Em qualquer um dos dois modos, Moimentadores Superiores de Hora em Hora e Diários estão disponíeis. 1. Dias Consecutios na página Mesmos Dias na página 70 Nota: O modo Dias Consecutios é útil para ariação de monitoramento de atiidade recente. Para uma perspectia de prazo mais longo, Mesmos Dias pode ser uma melhor opção. Os administradores do Tealeaf podem configurar o modo de cálculo por meio da página Gerenciamento do Portal. Nota: Alternar entre os Modos de Cálculo do Moimentador Superior resulta na limpeza de dados antigos do banco de dados. Quando o modo é alterado, os dados podem ser preenchidos quando possíel. Eite alterar modos frequentemente. Capítulo 2. Analisando Dados do Tealeaf 69

78 Consulte "Coletor de Dados" no Manual de Administração do IBM Tealeaf cximpact. Dias Consecutios Quando Moimentadores Superiores são calculados durante dias consecutios, o conjunto de dados inclui o dia em foco e todos os dias anteriores, que não foram cortados. Na tabela abaixo, F indica o dia em foco e SD indica os dados necessários para calcular o desio padrão para um cálculo de Moimentador Superior de sete dias consecutios. O cálculo do Moimentador Superior requer oito dias de dados. Tabela 4. Dias Consecutios Dom Seg Ter Qua Qui Sex Sáb SD SD SD SD SD SD SD F Quando os Moimentadores Superiores são calculadas no modo Dias Consecutios, é possíel er dados de poucos dias, em ez de esperar quatro semanas para er um conjunto de dados álidos no modo Mesmos Dias. Mesmos Dias No modo Mesmos Dias, os moimentadores superiores são calculados com base nos alores para a mesma hora ou dia das semanas anteriores. Por exemplo, alores de desio para quarta-feira são calculados usando dados da quarta-feira anterior. Na tabela abaixo, F indica os dados em foco e SD indica os dados usados para calcular o desio padrão para o cálculo dos quatro Moimentadores Superiores do mesmo dia. O cálculo do Moimentador Superior requer cinco semanas de dados. Tabela 5. Mesmos Dias Dom Seg Ter Qua Qui Sex Sáb SD SD SD SD F Dependendo de quantos dados estão disponíeis, o modo Mesmos Dias calcula os Moimentadores Superiores durante as quatro a 16 semanas de dados anteriores. Se dados insuficientes estierem disponíeis para concluir o número mínimo, nenhum dados será exibido para o Moimentador Superior no relatório. Janela Contínua Para concluir cálculo de um Moimentador, a tabela a seguir indica o número de pontos de dados padrão necessário para o cálculo: 70 IBM Tealeaf cximpact: Guia de Relatório do Tealeaf

79 Tabela 6. Janela Contínua Modo de Cálculo Número Mínimo Padrão de Pontos de Dados Dias 4 dias 16 dias Consecutios Mesmos Dias 4 semanas 16 semanas Número Máximo Padrão de Pontos de Dados Os cálculos são feitos erificando para trás da data atual até a data indicada pelo Número Máximo de Pontos de Dados. Para concluir um cálculo álido, o Número Mínimo de Pontos de Dados dee estar presente. Se o número mínimo de pontos de dados estier presente, então, os cálculos de desio padrão e de média podem ser concluídos. Para Moimentadores baseados em eento, a contagem de pontos de dados não inclui nenhuma tabulação para alores nulos, o que pode ocorrer durante períodos em que o eento estaa inatio ou dados não estaam disponíeis. Para Moimentadores baseados em proporção, a contagem de pontos de dados inclui quaisquer tabulações durante períodos em que o eento estaa inatio ou dados não estaam disponíeis. Os cálculos de desio padrão e de média ignoram o ponto de dados de alor nulo. Configurando o Volume de Dados da Janela Contínua O número mínimo e o número máximo de dias de dados que são necessários para um cálculo álido de Moimentador Superior são definidos por parâmetro: Top Moers - Minimum data points for calculations Top Moers - Maximum data points for calculations Consulte "Coletor de Dados" no Manual de Administração do IBM Tealeaf cximpact. Atualizações Dependendo o tipo de Moimentador Superior, os dados são recalculados de hora em hora ou diariamente. Moimentadores de hora em hora são calculados a primeira execução de Coleta de Dados que ocorre 30 minutos após a hora cheia. Qualquer dado noo disponíel é aplicado aos cálculos até a hora cheia anterior. Por exemplo, se o cálculo for feito às 10h40, ele inclui quaisquer noos dados com registro de data e hora antes das 10h. No exemplo anterior, os dados com um registro de data e hora entre 10h e 10h40 não são aplicados aos cálculos durante a execução atual. Moimentadores diários são calculadas às 4h30 toda manhã. Qualquer dado noo disponíel é aplicado aos cálculos até o dia concluído anterior. Por exemplo, se o cálculo for feito às 4h30 em 26 de abril, ele inclui quaisquer noos dados com registro de data e hora antes das 0h em 26 de abril. No exemplo anterior, os dados com um registro de data e hora entre 0h e 4h30 em 26 de abril não são aplicados aos cálculos durante a execução atual. É possíel alterar o horário quando cálculos forem feitos para os moimentadores superiores diários. Para obter informações adicionais, consulte os Moimentadores Superiores - Horário para Cálculo Diário no "Coletor de Dados" no Manual de Administração do IBM Tealeaf cximpact. Capítulo 2. Analisando Dados do Tealeaf 71

80 Em alguns casos, uma atualização do Moimentador Superior reúne noos dados que estaam em spool durante um período anterior. Se dados em spool forem processados, então, quando a execução do cálculo do Moimentador Superior for executada da próxima ez, os dados em spool serão incluídos como parte do conjunto de dados do Moimentador Superior. Todos os cálculos releantes são feitos para incluir os noos dados capturados nos alores do Moimentador Superior. Nota: Em ambientes nos quais dados estão sendo eniados para o spool, Moimentadores Superiores podem ser retroatiamente recalculados quando os dados em spool são processados posteriormente. Consulte "Coletor de Dados" no Manual de Administração do IBM Tealeaf cximpact. Cálculos Básicos Moimentadores são calculados usando uma fórmula de desio padrão simples: Figura 34. Fórmula para desio padrão em que: símbolo Descrição Desio Padrão Valor capturado Média de alores capturados Número de alores capturados O desio padrão é calculado por: 1. Somando o quadrado da diferença entre cada alor e a média 2. Diidindo esse alor pelo número de alores Calculando a raiz quadrada desse alor Nota: Quando um moimentador é calculado e a contagem é zero, se pelo menos um interalo para esse moimentador existir com dados antes desse interalo, então, a contagem zero é graada como o alor para o interalo atual. Cálculo de STD de Exemplo para Moimentador Superior O Tealeaf implementa os cálculos do Moimentador Superior que são baseados na extração de pontos de dados na janela contínua, dependendo dos fatores a seguir: 72 IBM Tealeaf cximpact: Guia de Relatório do Tealeaf

81 Tipo de moimentador: consulte Moimentadores de Hora em Hora ersus Diários na página 53. Conjunto de dados necessário configurado para janela contínua álida: consulte Configurando o Volume de Dados da Janela Contínua na página 71. Se o conjunto de dados incluir menos de quatro pontos de dados, o desio padrão não é calculado e será relatado como --. Modo de cálculo: consulte Modo de Cálculo de Moimentadores Superiores na página 69. No exemplo a seguir, as diferenças entre os moimentadores diários e de hora em hora são ilustrados. Estas opções de configuração são assumidas: Tipo de moimentador: Diário e de Hora em Hora Conjunto de dados necessário configurado para janela contínua álida: os seguintes são os alores mínimo e máximo padrão: Top Moers - Minimum data points for calculations -4 Top Moers - Maximum data points for calculations -16 Modo de cálculo: Mesmos Dias Para calcular um moimentador superior Diário ou de Hora em Hora álido com as opções de configuração anteriores, no mínimo de quatro semanas de dados é necessária. Suponhamos que ocê esteja calculando um moimentador de contagens para o Eent A. As contagens são somadas da maneira a seguir para moimentadores Diários ou de Hora em Hora neste exemplo: Dia contagem Data em foco sum0 uma semana atrás sum1 duas semanas atrás sum2 três semanas atrás sum3 quatro semanas atrás sum4 Para um moimentador diário, as contagens são somadas para períodos de 24 horas na janela contínua, enquanto que os moimentadores de Hora em Hora usam contagens de hora em hora durante a janela contínua. A métrica STDe_SameDays é calculada usando a fórmula a seguir: StDe_SameDays = std of (sum1, sum2, sum3, sum4) A média dessas quatro somas é calculada da seguinte forma: ag_samedays = ag of (sum1, sum2, sum3, sum4) O moimentador de contagem é, então, calculado usando a fórmula a seguir: countde_agsamedays = (sum0 - ag_samedays)/stde_samedays Capítulo 2. Analisando Dados do Tealeaf 73

82 Para obter informações adicionais sobre como criar moimentadores, consulte "Guia Moimentadores Superiores do TEM" no Manual do Gerenciador de Eentos do IBM Tealeaf. Moimentadores de Proporção Também é possíel criar moimentadores que são baseados na proporção de dois eentos. Para calcular o moimentador de uma proporção, a proporção é tratada como um único eento cuja contagem é a proporção de numerador para denominador. Analisando o Desempenho Nota: A criação e o relatório sobre moimentadores de proporção é um aprimoramento que está associado ao cxview, um componente licenciáel separado do sistema Tealeaf CX. Consulte "Aperfeiçoamentos em Moimentadores Superiores para cxview" no Manual do Usuário do IBM Tealeaf cxview. Nota: Se o denominador de uma proporção for aaliado para zero, um alor nulo será registrado. Se ainda houer pontos de dados suficientes na janela contínua, então, o moimentador será calculado. Consulte "Criando ou Editando um Moimentador de Proporção" no Manual do Gerenciador de Eentos do IBM Tealeaf. O Tealeaf pode monitorar o tempo de renderização do seu website e o rendimento na entrega de conteúdo aos isitantes do seu site. Por meio de diersas estatísticas reunidas e calculadas a partir de dados de ocorrência, os relatórios de desempenho a seguir podem ajudar a identificar gargalos em potencial em sua infraestrutura da web e em como conteúdo é entregue ao isitante. Para acessar os relatórios de desempenho: 1. No menu Portal, selecione Analisar > Relatórios de Desempenho. 2. Clique no ícone Abrir ( ) na barra de ferramentas. 3. Selecione um relatório a exibir. 4. Configure conforme necessário. Consulte o Configurando Relatórios de Desempenho. Alguns desses relatórios são exibidos como componentes do painel. Consulte "Painel de Métricas do Site Técnico" no Guia de Relatório do IBM Tealeaf. Para obter informações adicionais sobre Relatórios de Desempenho, consulte "Relatório de Desempenho do Cliente," "Relatório de Tempo de Resposta" e "Relatório de Conexões" no Guia de Relatório do IBM Tealeaf cximpact. Configurando Relatórios de Desempenho Para selecionar e configurar um relatório de Desempenho, conclua as etapas a seguir. 1. Para abrir um relatório, clique no ícone Abrir na barra de ferramentas. Selecione um dos seguintes relatórios: Relatório de Desempenho do Cliente na página 79 Relatório Conexões na página IBM Tealeaf cximpact: Guia de Relatório do Tealeaf

83 Relatório Tempo de Resposta na página 92 Para obter informações adicionais sobre a barra de ferramentas, consulte Barra de Ferramentas. 2. Por padrão, os relatórios de Desempenho são configurados para exibir dados para a data de hoje. Para alterar o interalo de data, clique na data que é exibida na barra de ferramentas. Consulte o Seletor de Interalo de Data. 3. Relatórios de desempenho podem ser filtrados com base em uma lista pré-configurada de dimensões que são fornecidas pelo Tealeaf. Consulte o Opções na página Para atualizar os dados, clique no ícone Atualizar na barra de ferramentas. 5. Dependendo do relatório e de suas configurações de usuário, é possíel clicar nos links no relatório para reelar relatórios detalhados sobre os dados exibidos. 6. Para exportar os dados do relatório para uso local, clique no ícone Exportar na barra de ferramentas. Consulte o Exportar na página 98. Barra de Ferramentas A barra de ferramentas a seguir é exibida acima de cada relatório. Figura 35. Barra de Ferramentas de Relatórios de Desempenho Tabela 7. Barra de Ferramentas. Ícone Comando Descrição Seletor de Data Atualizar Clique para selecionar um noo interalo de data para exibir no relatório. Consulte o Seletor de Interalo de Data. Atualize os dados do relatório. Abrir Exportar Opções Abra e exiba um relatório de Desempenho diferente. Exporte dados do relatório. Consulte o Exportar na página 98. Abra as opções do relatório de Desempenho. Consulte o Opções na página 76. Seletor de Interalo de Data É possíel selecionar um único dia ou interalo de datas para exibir no relatório. Para abrir o Seletor de Interalo de Data, clique na data exibida na barra de ferramentas. Capítulo 2. Analisando Dados do Tealeaf 75

84 Figura 36. Relatórios de Desempenho - Seletor de Interalo de Data Acima, a semana comercial de 30/08/10 a 03/09/10 está selecionada para exibição. Para configurar uma data diferente, clique na data, ou é possíel usar os botões de seta em cada mês para ir para diferentes meses. Para selecionar um interalo de datas, clique na data mais antiga. Em seguida, clique na data de encerramento mais recente. O interalo de datas entre e inclusie está selecionado. Para selecionar um interalo de data predefinido que é baseado na data de hoje, faça uma seleção na lista suspensa Seleção Rápida. Para aplicar a noa data ou interalo de data ao relatório, clique em Aplicar. O relatório é atualizado automaticamente. Para cancelar as mudanças no interalo de data, clique em Cancelar. Opções É possíel configurar as opções a seguir para o relatório de Desempenho exibido. Essas opções persistem se ocê carregar um relatório diferente. 76 IBM Tealeaf cximpact: Guia de Relatório do Tealeaf

85 Figura 37. Relatórios de Desempenho - Opções As opções a seguir estão disponíeis. Quando um ou mais desses filtros for aplicado, eles serão listados na parte superior do relatório atualizado. Opcional Descrição Host Filtre o relatório para exibir somente alores do host selecionado. Consulte o Aplicando um Filtro de Dimensão na página 78. Aplicatio Filtre o relatório para exibir somente alores do aplicatio selecionado. Consulte o Aplicando um Filtro de Dimensão na página 78. Seridor Filtre o relatório para exibir somente alores do seridor selecionado. Consulte o Aplicando um Filtro de Dimensão na página 78. Número máximo de linha a exibir É possíel configurar o relatório para exibir um número máximo de linhas. Insira um alor na caixa de texto e selecione a caixa de opção. Nota: Se a caixa de opção não for selecionada, todas as linhas de dados aplicáeis serão recuperadas e exibidas no relatório. Dependendo do conjunto de dados, o desempenho pode ser afetado eorelatório pode lear um tempo para ser gerado. Mostrar outros Clique na caixa de opção para exibir os alores dimensionais [Others]. Nota: Se a dimensão da URL mão for preenchida com alores, os relatórios de Desempenho não são preenchidos. Como uma solução alternatia, é Capítulo 2. Analisando Dados do Tealeaf 77

86 possíel atiar a opção Mostrar Outros para exibir os alores de [Others]. Consulte "Guia Dimensões do TEM" no Manual do Gerenciador de Eentos do IBM Tealeaf. Mostrar tempos de renderização (Disponíel em alguns relatórios) Clique na caixa de opção para exibir os tempos de renderização na tabela. Essa opção está disponíel em alguns relatórios somente se UI Capture estier configurado e implementado. Consulte o Guia do IBM Tealeaf UI Capture for j2. Aplicando um Filtro de Dimensão Como opção, é possíel filtrar qualquer relatório de Desempenho para exibir dados para um alor selecionado de uma ou mais das dimensões a seguir: Dimensão Descrição Host O host do aplicatio. Por exemplo, Aplicatio O nome do aplicatio. Por exemplo, store Seridor Um seridor específico que está hospedando o seu aplicatio É possíel filtrar o relatório para um alor específico por dimensão. É possíel usar um número qualquer de dimensões listadas para filtrar seu relatório. Esses alores são capturados em um grupo de relatórios padrão que é fornecido pelo Tealeaf como parte da instalação. Consulte "Grupo de Relatórios de URL/Host/Aplicatio/Seridor" no Manual do Gerenciador de Eentos do IBM Tealeaf. Drill Downs na Dimensão URL Cada tipo de relatório suporta drill down para reisar um relatório detalhado em URLs indiiduais. Os alores de URLs são normalizados automaticamente no pipeline do Windows. Consulte "Agente da Sessão de Referência do Tealeaf" no Manual de Configuração do IBM Tealeaf CX. Tipo de Relatório Relatório Detalhado Drill Down Relatório de Desempenho do Cliente na página 79 Relatório Detalhado Tempos de Renderização na página 83 Relatório Conexões na página 91 Relatório Detalhado Tipos de Conexão na página 92 Relatório Tempo de Resposta na página 92 Relatório Detalhado Tempo de Resposta na página 93 Notas sobre Cálculos As notas a seguir se aplicam a cálculos que são exibidos nas tabelas de detalhes. Item Cálculo 78 IBM Tealeaf cximpact: Guia de Relatório do Tealeaf

87 Linha de Totais Para alores que são exibidos em uma linha de Totais, o cálculo é a soma de todos os alores na coluna. Relatório de Desempenho do Cliente O relatório Resumo de Desempenho do Cliente exibe informações da página conforme relatado pelo Tealeaf UI Capture. O UI Capture permite a captura de eentos da interface com o usuário do cliente que não resultam em transações para o seridor da web. Esse recurso requer instalação e implementação adicionais. Para reisar panes detalhadas por período de tempo para esse relatório, clique em um identificador de Página na primeira coluna do relatório. Consulte o Relatório de Desempenho do Cliente. Para as páginas Superiores, os gráficos de resumo a seguir são exibidos. No relatório Resumo, as páginas superiores são listadas em ordem decrescente por contagem. É possíel alterar as páginas exibidas aplicando filtros de relatório. Consulte o Opções na página 76. A contagem total de ocorrências da interface com o usuário do cliente está disponíel como um relatório de atiidade e no painel Métricas Técnicas do Site. Consulte o Relatórios de Atiidades na página 23. Consulte "Painel de Métricas do Site Técnico" no Guia de Relatório do IBM Tealeaf. Gráfico de Tempos de Renderização Tempo médio de renderização em segundos. Este gráfico pode ser útil na determinação de se as páginas específicas têm quaisquer problemas de desempenho. Capítulo 2. Analisando Dados do Tealeaf 79

88 Figura 38. Gráfico de Tempos de Renderização Para obter informações adicionais sobre os campos nesse relatório, consulte Campos de Tabela na página 82. Para er detalhes desse relatório para uma URL indiidual, clique no hiperlink para a URL de interesse. Consulte o Relatórios Detalhados por URL na página 83. Gráfico de Imagens Quebradas Média e número máximo de links de imagens quebrados. Use este gráfico para determinar se páginas indiiduais têm referências de imagens quebradas. Muitas páginas com imagens quebradas podem indicar problemas do lado do seridor. 80 IBM Tealeaf cximpact: Guia de Relatório do Tealeaf

89 Figura 39. Gráfico de Imagens Quebradas Para obter informações adicionais sobre os campos nesse relatório, consulte Campos de Tabela na página 82. Para er detalhes desse relatório para uma URL indiidual, clique no hiperlink para a URL de interesse. Consulte o Relatórios Detalhados por URL na página 83. Gráfico de Alertas de JaaScript Número médio e máximo de alertas de JaaScript encontrados em páginas que são entregues a isitantes durante o período em foco. Use esse gráfico para aaliar se problemas relacionados a JaaScript são exibidos nas páginas entregues ao cliente. Capítulo 2. Analisando Dados do Tealeaf 81

90 Figura 40. Gráfico de Alertas de JaaScript Para obter informações adicionais sobre os campos nesse relatório, consulte Campos de Tabela. Para er detalhes desse relatório para uma URL indiidual, clique no hiperlink para a URL de interesse. Consulte o Relatórios Detalhados por URL na página 83. Campos de Tabela Os campos a seguir podem ser exibidos nas tabelas abaixo dos relatórios de desempenho. Por padrão, a tabela detalhada é classificada em ordem decrescente pela Contagem de Ocorrências. Clique em um cabeçalho de coluna para classificar a tabela detalhada. Clique-o noamente para reerter a ordem de classificação. Nome do Campo Descrição URL A URL para a qual a linha de detalhe se aplica. É possíel clicar em qualquer URL para er um relatório detalhado específico para o caminho selecionado. Consulte o Relatório Detalhado Tempos de Renderização na página 83. Contagem de Ocorrências O número de ocorrências que são atendidas para o período em foco especificado. Ag Render Time O tempo médio em segundos para renderizar a página para o isitante. Max Render Time O tempo máximo em segundos para renderizar a página para o isitante. 82 IBM Tealeaf cximpact: Guia de Relatório do Tealeaf

91 Ag Broken Image Count O número médio de links de imagens quebradas em uma página entregue a isitantes durante o período em foco. Max Broken Image Count O número máximo de links de imagens quebradas em uma única página que é entregue a isitantes durante o período em foco. Ag JS Alert Count O número médio de caixas de diálogo de alerta que são geradas por JaaScripts de seu site em páginas que são entregues a isitantes durante o período em foco. Max JS Alert Count O número máximo de caixas de diálogo de alerta que são geradas por JaaScripts do seu site em páginas que são entregues a isitantes durante o período em foco. Relatórios Detalhados por URL Para acessar qualquer relatório detalhado para uma URL específica, clique no hiperlink para a URL na tabela de detalhes na parte inferior da tela. Na lista suspensa Visualizar, selecione uma das isualizações a seguir: Nota: Os dados para todos esses relatórios são reunidos e eniados no UI Capture. Consulte o Guia do IBM Tealeaf UI Capture for j2. Opcional Descrição Relatório Detalhado Tempos de Renderização Tempos de renderização do lado do cliente relatados por UI Capture Relatório Detalhado Imagens Quebradas na página 85 Contagens de imagens quebradas relatadas pelo UI Capture Relatório Detalhado Alertas de JaaScript na página 86 Contagens de alertas de JaaScript gerados no naegador do isitante relatados pelo UI Capture Relatório Detalhado Dimensões do Naegador na página 87 Dimensões de naegadores dos isitantes são relatados pelo UI Capture Relatório Detalhado Tempo de Permanência na página 89 O tempo calculado que é gasto em cada página, conforme relatado pelo UI Capture Relatório Detalhado Estatísticas na página 90 Visualizar informações estatísticas tabuladas por meio do UI Capture Relatório Detalhado Tempos de Renderização Nota: Para gerar tempos de renderização precisos, ocê dee carregar a biblioteca do UI Capture do Tealeaf como o primeiro item na página. Para reisar os tempos de renderização para uma página específica, clique na URL no relatório de Desempenho do Cliente e, em seguida, selecione Render Times na lista suspensa Visualização. Capítulo 2. Analisando Dados do Tealeaf 83

92 No relatório detalhado Tempos de Renderização, é possíel reisar um gráfico e os dados sobre panes dentro do período em foco selecionado para a página selecionada. Se o período em foco for um único dia, os dados são diididos por hora. Se o período em foco abranger diersos dias, os dados são diididos em categorias diárias. Figura 41. Relatório do UI Capture - Tempos de Renderização Os campos a seguir são exibidos no relatório detalhado. Nome do Campo Descrição Horário (Interalo do calendário é um dia) Hora representada pelos dados tabulados na linha. Data (Interalo do calendário é diersas datas) Data representada pelos dados tabulados na linha. Contagem de ocorrências Número de instâncias da ocorrência selecionada que foi entregue durante o período. Tempo médio de renderização Tempo médio de renderização em segundos para a página durante o período Tempo total de renderização Tempo total de renderização em segundos para a página durante o período 84 IBM Tealeaf cximpact: Guia de Relatório do Tealeaf

93 Tempo máximo de renderização Tempo máximo de renderização em segundos para a página durante o período Cálculos do Tempo de Renderização: Dependendo de sua ersão do UI Capture for j2, o tempo de renderização é calculado usando o método a seguir: Tabela 8. Cálculos do Tempo de Renderização Liberação Valor do Tempo de Renderização do UI Capture Construção ou anterior Qualquer construção após o Construção Eniado pelo UI Capture no cabeçalho a seguir: HTTP_X_TEALEAF_RENDER _TIME Eniado pelo UI Capture no nó JSON a seguir: <message>.performance.timing.rendertime Explicação Quando o UI Capture é carregado na página, o tempo em milissegundos é registrado (TeaLeaf.tlStartLoad). Quando a página for concluída, a renderização e o estado DOM pronto for concluído, o tempo é registrado. A diferença entre o tempo de carregamento coletado no início e o tempo coletado quando o estado do DOM é concluído é igual ao tempo necessário para renderizar a página. O objeto Sincronização de Naegação do W3C é usado e é suportado por naegadores mais noos para calcular o tempo de renderização. O tempo de renderização é calculado como a diferença entre os marcadore responseend e loadeentstart. Nota: NUIC não relata o tempo de renderização para naegadores de legado que não suportam o objeto de sincronização de naegação. Consulte o naigation-timing/#sec-naigationtiming-interface. Relatório Detalhado Imagens Quebradas Para reisar as contagens de imagens quebradas para uma página específica, clique na URL no relatório de Desempenho do Cliente e, em seguida, selecione Broken Images na lista suspensa Visualização. Capítulo 2. Analisando Dados do Tealeaf 85

94 Figura 42. Relatório do UI Capture - Imagens Quebradas Campo Descrição Horário (Interalo do calendário é um dia) Hora representada pelos dados tabulados na linha. Data (Interalo do calendário é diersas datas) Data representada pelos dados tabulados na linha. Contagem de ocorrências Número de ocorrências na página durante o período Contagem média de imagens quebradas Contagem média de imagens quebradas para a página durante o período Contagem total de imagens quebradas Contagem total de imagens quebradas para a página durante o período Contagem máxima de imagens quebradas Contagem máxima de imagens quebradas para a página durante o período Relatório Detalhado Alertas de JaaScript Para reisar as contagens de alertas de JaaScript gerados em uma página específica, clique na URL no relatório de Desempenho do Cliente e, em seguida, selecione JaaScript Alerts na lista suspensa Visualização. Para atiar a captura dos dados que são necessários para esse relatório, o sinalizador tlcatchalerts dee ser atiado no UI Capture for Ajax. Consulte "TeaLeafEentCfg.js" no Guia do IBM Tealeaf UI Capture for Ajax. 86 IBM Tealeaf cximpact: Guia de Relatório do Tealeaf

95 Nota: As chamadas API necessárias para suportar esse relatório não estão disponíeis para os naegadores Internet Explorer e Safari. Esse relatório produz dados para as famílias de naegadores Mozilla (Firefox) e Chrome. Figura 43. Relatório do UI Capture - Alertas de JaaScript Campo Descrição Horário (Interalo do calendário é um dia) Hora representada pelos dados tabulados na linha. Data (Interalo do calendário é diersas datas) Data representada pelos dados tabulados na linha. Contagem de ocorrências Número de ocorrências na página durante o período Contagem média de alertas de JS Contagem média de alertas de JaaScript para a página durante o período Contagem total de alertas de JS Contagem total de alertas de JaaScript para a página durante o período Contagem máxima de alertas de JS Contagem máxima de alertas de JaaScript para a página durante o período Relatório Detalhado Dimensões do Naegador Para reisar dimensões de naegadores que são usadas para acessar uma página específica, clique na URL no relatório de Desempenho do Cliente e, em seguida, Capítulo 2. Analisando Dados do Tealeaf 87

96 selecione Browser Dimensions na lista suspensa Visualizar. Figura 44. Relatório do UI Capture - Dimensões do Naegador Campo Descrição Horário (Interalo do calendário é um dia) Hora representada pelos dados tabulados na linha. Data (Interalo do calendário é diersas datas) Data representada pelos dados tabulados na linha. Contagem de ocorrências Número de ocorrências na página durante o período Pequeno Contagem das isualizações de páginas cujas dimensões do naegador foram menores que 800 x x600 Contagem das isualizações de páginas cujas dimensões do naegador foram 800 x x768 Contagem das isualizações de páginas cujas dimensões do naegador foram 1024 x x1024 Contagem das isualizações de páginas cujas dimensões do naegador foram 1280 x IBM Tealeaf cximpact: Guia de Relatório do Tealeaf

97 Grande Contagem das isualizações de páginas cujas dimensões do naegador foram maiores que 1280 x 1024 Relatório Detalhado Tempo de Permanência Para reisar os tempos de permanência para uma página específica, clique na URL no relatório de Desempenho do Cliente e, em seguida, selecione Dwell Times na lista suspensa Visualizar. Nota: A página TealeafTarget não dee ser incluída na lista de desbloqueio como uma URL aceita para a dimensão URL do grupos de relatórios URL, Host, Aplicatio, Seridor. Consulte "Grupo de Relatórios de URL/Host/Aplicatio/ Seridor" no Manual do Gerenciador de Eentos do IBM Tealeaf. Figura 45. Relatório do UI Capture - Tempos de Permanência Campo Descrição Horário (Interalo do calendário é um dia) Hora representada pelos dados tabulados na linha. Data (Interalo do calendário é diersas datas) Data representada pelos dados tabulados na linha. Contagem de ocorrências Número de ocorrências na página durante o período Tempo médio de permanência Tempo médio de permanência em segundos para a página durante o período Capítulo 2. Analisando Dados do Tealeaf 89

98 Tempo total de permanência Tempo total de permanência em segundos para a página durante o período Tempo máximo de permanência Tempo máximo de permanência em segundos para a página durante o período Relatório Detalhado Estatísticas Para reisar estatísticas do lado do cliente para uma página específica, clique na URL no relatório de Desempenho do Cliente e, em seguida, selecione Statistics na lista suspensa Visualização. Estatísticas como o tamanho médio do XML do UI Capture (Tamanho do Eento do Cliente) e Eentos de Cliente (o número de eentos do cliente) são tabuladas no relatório. Figura 46. Relatório do UI Capture - Estatísticas Campo Descrição Horário (Interalo do calendário é um dia) Hora representada pelos dados tabulados na linha. Data (Interalo do calendário é diersas datas) Data representada pelos dados tabulados na linha. Contagem de ocorrências Número de ocorrências na página durante o período 90 IBM Tealeaf cximpact: Guia de Relatório do Tealeaf

99 Relatório Conexões Contagem média de eentos Contagem média de eentos na página durante o período Contagem total de eentos Contagem total de eentos na página durante o período Média de bytes Número médio de bytes para a página durante o período Total de bytes Número total de bytes para a página durante o período Para a página ou páginas selecionadas, o tipo de conexão de seus isitantes e o status cancelado são exibidos na tabela. Por padrão, a tabela detalhada é classificada em ordem decrescente pela Contagem de Ocorrências. Clique em um cabeçalho de coluna para classificar a tabela detalhada. Clique-o noamente para reerter a ordem de classificação. Nome do Campo Descrição URL A URL para a qual a linha de detalhe se aplica. É possíel clicar em qualquer URL para er um relatório detalhado específico para o caminho selecionado. Consulte o Relatório Detalhado Tipos de Conexão na página 92. Contagem de Ocorrências O número de ocorrências que são atendidas para o período em foco especificado. T1 Número de solicitações de página durante o período em foco que foram executadas em elocidade de conexão T1. Consulte o Cálculos de Relatório na página 92. DSL/Cabo Número de solicitações de página durante o período em foco que foram executadas em elocidade de conexão DSL/Cabo. Consulte o Cálculos de Relatório na página 92. ISDN Número de solicitações de página durante o período em foco que foram executadas em elocidade de conexão ISDN. Consulte o Cálculos de Relatório na página 92. Discagem Número de solicitações de página durante o período em foco que foram executadas em elocidade de conexão discada. Consulte o Cálculos de Relatório na página 92. Desconhecido Número de solicitações de página durante o período em foco que não puderam ser aaliadas. Consulte o Cálculos de Relatório na página 92. Cliente Cancelado Número de solicitações de página durante o período em foco que foram canceladas pelo cliente. Cancelled Serer Número de solicitações de página durante o período em foco que foram finalizadas pelo seridor. Capítulo 2. Analisando Dados do Tealeaf 91

100 Cálculos de Relatório O seguinte descree a elocidade da conexão calculada: ConnectionSpeed = ag ResponseSize / ag ResponseTime em que: ResponseSize = ResponseHeaderSize + ResponseBodySize ResponseTime = TimeLastResponsePacketAcknowledged - TimeOfFirstResponsePacket A Velocidade da Conexão é calculada como os alores médios de todas as ocorrências na sessão. Qualquer eento da interface com o usuário do cliente detectado é ignorado. Com base na Velocidade da Conexão calculada, os Tipos de Conexões são deriados usando os limites a seguir: Se a elocidade for < bytes/s (56 KB/s), então, a Velocidade da Conexão = Dial Up. Se a elocidade for < bytes/s (128 KB/s), então, a Velocidade da Conexão = ISDN. Se a elocidade for < bytes/s (700 KB/s), então, a Velocidade da Conexão = DSL. Caso contrário, a Velocidade da Conexão = T1 (>=1544 KB/s). Se os dados não estierem disponíeis para calcular a Velocidade da Conexão, o Tipo de Conexão será designado como Unknown. Relatório Detalhado Tipos de Conexão Nesse relatório, é possíel reisar os tempos de resposta para a URL selecionada, diididos por período de tempo. Consulte o Relatório Detalhado Tempo de Resposta na página 93. Relatório Tempo de Resposta Esse relatório mostra os tempos de resposta segmentados para geração de página, trip de rede e tempos de renderização durante o período em foco para as páginas exibidas. Por padrão, a tabela detalhada é classificada em ordem decrescente pela Contagem de Ocorrências. Clique em um cabeçalho de coluna para classificar a tabela detalhada. Clique-o noamente para reerter a ordem de classificação. 92 IBM Tealeaf cximpact: Guia de Relatório do Tealeaf

101 Figura 47. Relatório Tempo de Resposta Para er um relatório detalhado para uma URL indiidual, clique no link da URL. Consulte o Relatório Detalhado Tempo de Resposta. Relatório Detalhado Tempo de Resposta Nesse relatório, é possíel reisar os tempos de resposta para a página selecionada, que é exibida por trânsito da rede, geração do seridor e alores de tempo de renderização para a página selecionada. As isualizações de páginas são sobrepostas usando a linha erde. Figura 48. Tempo de Resposta - Detalhe Capítulo 2. Analisando Dados do Tealeaf 93

102 Na tabela abaixo do gráfico, é possíel reisar estatísticas para a página durante cada um dos períodos de tempo exibidos dentro do período em foco. Consulte o Relatório Detalhado Tipos de Conexão na página 92. No relatório, as estatísticas de tempo médio de renderização, de trip média de rede e de geração média de página são exibidas como um gráfico empilhado, que fornece um corte transersal gráfico de desempenho do naegador, desempenho da rede e desempenho do seridor da web, respectiamente. O gráfico de linhas sobrepostas indica a tendência nas isualizações de páginas no período em foco. Na tabela abaixo do gráfico, é possíel reisar as estatísticas a seguir para a página durante cada um dos períodos de tempo exibidos dentro do período em foco: Nome do Campo Descrição Data/Hora Se o período em foco for maior do que um único dia, diisões são fornecidos para cada dia. Se o período em foco for um único dia, diisões são para cada hora da data selecionada. Contagem de ocorrências O número de ocorrências que são atendidas para o período em foco especificado. Tamanho médio (KB) Tamanho médio em KB de cada instância da página gerada durante o período de tempo. Roundtrip médio Tempo médio de roundtrip em segundos entre o enio da solicitação e o recebimento do último pacote da resposta. Consulte o Termos e Definições na página 95. Média de trip na rede Tempo médio em toda a rede em segundos. Consulte o Termos e Definições na página 95. Média de geração de página Tempo médio em segundos para gerar uma página. Tempo médio de renderização Tempo médio em segundos para renderizar a página no naegador do isitante. Roundtrip máximo Tempo máximo de roundtrip em segundos entre o enio da solicitação e o recebimento do último pacote da resposta. Consulte o Termos e Definições na página 95. Máximo de trip na rede Tempo máximo em toda a rede em segundos. Consulte o Termos e Definições na página 95. Máximo de geração de página Tempo máximo em segundos para gerar uma página. Tempo máximo de renderização Tempo máximo em segundos para renderizar a página no naegador do isitante. 94 IBM Tealeaf cximpact: Guia de Relatório do Tealeaf

103 Termos e Definições Figura 49. Resumo O Tealeaf reúne dados de desempenho a partir da primeira ez em que o seridor da web recebe uma solicitação até que ele receba a próxima solicitação para uma noa página ou uma chamada do Ajax. Esses dados de desempenho fornecem uma isualização crítica de toda a cadeia de comunicação entre um naegador e um seridor. Para obter informações mais detalhadas sobre esses termos, consulte "Medição de Desempenho" no Manual do Aplicatio de Captura Passia do IBM Tealeaf. Tempo de Geração de Página Figura 50. Tempo de Geração de Página Tempo de Geração de Página indica o desempenho do seridor da web. Aumentos ou números altos indicam lentidões do seridor da web. O tempo que lea para iniciar o enio da página ao naegador do último pacote de solicitações até o início da resposta. Capítulo 2. Analisando Dados do Tealeaf 95

104 Tempo da Rede Figura 51. Tempo da Rede Tempo de Rede mede o tempo na rede para o naegador. Tempos altos indicam redes ou naegadores lentos. O tempo para eniar o HTML de Resposta ao naegador até o momento em que o naegador enia o reconhecimento de olta. Tempo de Percurso Circular Figura 52. Tempo de Percurso Circular Roundtrip indica o desempenho da conexão. Aumentos ou números altos indicam conexões lentas. O tempo entre o seridor que recebe a solicitação até receber reconhecimento do naegador: Tempo de Roundtrip = Tempo de Geração de Página + Tempo de Rede 96 IBM Tealeaf cximpact: Guia de Relatório do Tealeaf

105 Tempo de Processamento da Página Figura 53. Tempo de Processamento da Página O Tempo de Renderização da Página pode indicar problemas do naegador. Números altos indicam lentidões O tempo que lea do início do processamento da resposta até a execução da função document.onload() no naegador. Se o UI Capture for implementado, o tempo de renderização da página é medido do momento após o carregamento do UI Capture até que o estado DOM pronto for concluído. Consulte o Relatório Detalhado Tempos de Renderização na página 83. Tempo de Permanência da Página Figura 54. Tempo de Permanência da Página O Tempo de Permanência da Página indica quanto tempo o isitante permaneceu na página. Números altos indicam que o isitante leou muito tempo nessa página e possielmente abandonou o site. Capítulo 2. Analisando Dados do Tealeaf 97

106 O tempo que lea do início do Tempo do Renderizador de Página até a execução da função document.unload(). Exportar Para exportar um relatório, clique no ícone Exportar na barra de ferramentas. Excel - Exporte dados do relatório para uma planilha do Excel no formato XML. PDF - Exporte o relatório em formato PDF. - Enie por o relatório como um anexo. Referências Para obter informações adicionais sobre classificação de tempo em geral, consulte "Medição de Desempenho" no Manual do Aplicatio de Captura Passia do IBM Tealeaf. Para obter informações adicionais sobre o relatório de classificações de horário, consulte Capítulo 3, Construtor de Relatório do Tealeaf, na página 111. Para obter informações adicionais sobre como configurar a classificação de tempo, consulte "Classificação de Tempo" no Manual do Aplicatio de Captura Passia do IBM Tealeaf. Painel Métricas Técnicas do Site Visão Geral do Painel Por meio do Portal, é possíel monitorar atiidades e processamento em seu sistema Tealeaf. Por meio de um único painel, é possíel manter guias para as atiidades gerais, métricas de páginas e de sessões, tempos de geração de página e de roundtrip de rede e contagens de isitantes e sessões. O painel Métricas Técnicas do Site fornece insight de alto níel nas atiidades atuais no aplicatio da web que é monitorado pelo Tealeaf. Para er o painel Métricas Técnicas do Site, selecione Painel > Métricas Técnicas do Site. Nota: O painel Métricas Técnicas do Site está disponíel para todos os usuários do Portal, independentemente das permissões. Nota: Este painel está disponíel no formato somente leitura para todos os licenciados do Tealeaf do produto cximpact. Para configurar o painel é preciso ter a licença do cxview. Consulte "Configurando Painéis" no Manual do Usuário do IBM Tealeaf cxview. O painel Métricas Técnicas do Site é diidido nas guias a seguir: 1. Guia Relatórios de Atiidades na página 99: Essa guia contém componentes do painel que identificam métricas chae em dados da sessão que ocorrem na hora atual. Consulte o Guia Relatórios de Atiidades na página Guia Relatórios de Desempenho na página 109: Essa guia contém componentes do painel que indicam as métricas de desempenho da página para cada hora do dia atual. Consulte o Guia Relatórios de Desempenho na página IBM Tealeaf cximpact: Guia de Relatório do Tealeaf

107 Comandos do Componente do Painel No canto superior esquerdo de cada componente, os comandos a seguir estão disponíeis. Ícone Comando Edite o componente do painel. Consulte "Configurando Painéis" no Manual do Usuário do IBM Tealeaf cxview. Visualize o relatório de origem no Construtor de Relatório do Tealeaf. Consulte o Visualizando Relatórios de Origem. Visualize os detalhes de relatório do relatório. Consulte o Capítulo 3, Construtor de Relatório do Tealeaf, na página 111. Atualize o painel. Visualizando Relatórios de Origem No canto superior direito de cada componente de painel, é possíel reisar o relatório de origem. Para isualizar o relatório de origem para um componente de painel, clique no ícone Visualizar ( ). O relatório de origem é carregado Origem dos Relatórios de Atiidades No Construtor de Relatório, é possíel reisar os eentos, as dimensões, os filtros, o período de relatório e outras configurações que definem o relatório de atiidade. Drill downs de procura nos dados do relatório permitem a procura por sessões agregadas ao relatório. Alguns relatórios podem ser carregados diretamente a partir do Construtor de Relatório do Tealeaf. Para propósitos de agrupamento, os nomes dos relatórios em cada guia começam com um identificador de sequência de caracteres diferente: Guia Grupo de Relatórios de Origem Relatórios de Atiidades Actiity Report: Consulte o Relatórios de Atiidades na página 23. Para obter informações adicionais, Capítulo 3, Construtor de Relatório do Tealeaf, na página 111. Origem dos Relatórios de Desempenho Relatórios de Desempenho da Origem podem ser isualizados por meio do Tealeaf Portal. Para isualizar relatórios de Desempenho, selecione Analisar > Relatórios de Desempenho. Consulte o Analisando o Desempenho na página 74. Guia Relatórios de Atiidades Estas informações descreem como é possíel monitorar atiidades e processamento em seu sistema Tealeaf usando as opções disponíeis aqui. Capítulo 2. Analisando Dados do Tealeaf 99

108 Contagem de Sessões com uma Ocorrência Exibe a contagem de sessões com uma ocorrência para o período em foco atualmente selecionado. Sessões com uma ocorrência podem ser um indicador de bots e outras atiidades automatizadas. Geralmente, essas sessões são consideradas desinteressantes. Figura 55. Relatórios de Atiidades - Contagem de Sessões com uma Ocorrência Proporção de Sessões com uma Ocorrência Exibe a proporção de sessões com uma ocorrência para a contagem total de sessões para o período em foco atualmente selecionado. Sessões com uma ocorrência podem ser um indicador de bots e outras atiidades automatizadas. Geralmente, essas sessões são consideradas desinteressantes. 100 IBM Tealeaf cximpact: Guia de Relatório do Tealeaf

109 Figura 56. Relatórios de Atiidades - Proporção de Sessões com uma Ocorrência Contagem de Sessões Fornece um gráfico das contagens de sessões por hora para o dia atual. Figura 57. Relatórios de Atiidades - Contagens de Sessões Contagem de Ocorrências Fornece um gráfico das contagens de ocorrências que são registradas por hora para o dia atual. Capítulo 2. Analisando Dados do Tealeaf 101

110 Figura 58. Relatórios de Atiidades - Contagens de Ocorrências Contagem de Páginas Fornece um gráfico das contagens de páginas que são registradas por hora para o dia atual. Figura 59. Relatórios de Atiidades - Contagem de Páginas Contagem de Ocorrências de CUI Identifica o número de eentos da interface com o usuário do cliente que ocorreram durante cada hora do dia atual. Esse relatório requer a instalação e a implementação do UI Capture. Consulte "Perguntas mais frequentes do UI Capture" nas Perguntas mais frequentes do IBM Tealeaf UI Capture for Ajax. 102 IBM Tealeaf cximpact: Guia de Relatório do Tealeaf

111 Figura 60. Relatórios de Atiidades - Contagens de Ocorrências do CUI Geração de Página Fornece um gráfico dos tempos médios e máximos de geração de página para o dia atual. Figura 61. Relatórios de Atiidades - Geração de Página Tamanho da Página Monitora o tamanho médio em KB de páginas que são capturados durante cada hora do dia atual. Capítulo 2. Analisando Dados do Tealeaf 103

112 Figura 62. Relatórios de Atiidades - Tamanho da Página Duração da sessão Fornece um gráfico dos tempos médios e máximos de duração de sessão para o dia atual. O relatório inclui os alores máximos para o dia atual. Figura 63. Relatórios de Atiidades - Duração da Sessão Média/Máximo de Ocorrências da Sessão Exibe o número médio de ocorrências por sessão para o dia atual. O relatório inclui os alores máximos para o dia atual. 104 IBM Tealeaf cximpact: Guia de Relatório do Tealeaf

113 Figura 64. Relatórios de Atiidades - Média/Máximo de Ocorrências de Sessão Tamanho de Sessão Méd./Máx. Exibe o tamanho médio de sessões que ocorrem para o dia atual. O relatório inclui os alores máximos para o dia atual. Figura 65. Relatórios de Atiidades - Média/Máximo do Tamanho de Sessão Tráfego (MB) Exibe o tráfego da sessão (megabytes) para o dia atual. O relatório inclui os totais de solicitação, resposta e ambos os conjuntos de dados para cada hora do dia atual. Capítulo 2. Analisando Dados do Tealeaf 105

114 Figura 66. Relatórios de Atiidades - Tráfego (MB) Roundtrip Exibe os tempos médio e máximo de roundtrip em segundos para o dia atual. Figura 67. Relatórios de Atiidades - Roundtrip Trip de Rede_a Exibe os tempos médio e máximo de rede em segundos para o dia atual. 106 IBM Tealeaf cximpact: Guia de Relatório do Tealeaf

115 Figura 68. Relatórios de Atiidades - Trip de Rede Contagem de Cancelamentos de Sol. Exibe as contagens de cancelamentos de páginas pelo cliente e pelo seridor por hora para o dia atual. Figura 69. Relatórios de Atiidades - Contagem de Cancelamentos de Solicitações Contagem Total de Fatos Número total de fatos que são registrados em todas as sessões para cada hora do dia atual. Capítulo 2. Analisando Dados do Tealeaf 107

116 Figura 70. Relatórios de Atiidades - Contagem de Fatos Total Fatos/Ocorrência Número médio de fatos que são registrados em cada ocorrência para cada hora do dia atual. Figura 71. Relatórios de Atiidades - Fatos/Ocorrência Fatos/Sessão Número médio de fatos que são registrados em cada ocorrência para cada sessão do dia atual. 108 IBM Tealeaf cximpact: Guia de Relatório do Tealeaf

117 Figura 72. Relatórios de Atiidades - Fatos/Sessão Guia Relatórios de Desempenho Os relatórios nessa guia fornecem métricas de desempenho úteis. Esses relatórios podem ser examinados indiidualmente. Consulte o Analisando o Desempenho na página 74. Tempo de Resposta Segmentada Exibe tempos médios de resposta para páginas indiiduais, que são diididos por cada segmento de trip: Tempo Médio de Geração de Página, Tempo Médio de Trip de Rede e Tempo Médio de Renderização no naegador do isitante. Figura 73. Relatórios de Desempenho - Tempo de Resposta Segmentado Capítulo 2. Analisando Dados do Tealeaf 109

118 Páginas Superiores Para a data atual, o relatório Páginas Superiores exibe as páginas mais populares isitadas em seu aplicatio da web. A tabela de relatório é classificada pela Contagem de Páginas total das URLs mais populares e inclui informações sobre o tamanho médio de cada página em Kb. Figura 74. Relatórios de Desempenho - Tempo de Resposta Segmentado 110 IBM Tealeaf cximpact: Guia de Relatório do Tealeaf

119 Capítulo 3. Construtor de Relatório do Tealeaf Construindo Relatórios O Construtor de Relatório do Tealeaf atia a configuração de relatório flexíel e a entrega em ários formatos de saída. Por meio do Construtor de Relatório, é possíel selecionar eentos e arrastar seus dados dimensionais para seu relatório, aplicando filtragem de segmento conforme necessário. À medida que aplicar mudanças, o relatório é atualizado em tempo real, permitindo relatório de precisão e configuração de dados. Nota: Os dados do relatório são sempre sincronizados com o fuso horário do sistema Tealeaf. Consulte "Configurando o Fuso Horário do Sistema" no Manual de Configuração do IBM Tealeaf CX. Relatórios podem ser planejados para geração e publicação em painéis do Tealeaf. Consulte "Gerenciador de Relatório" no Guia de Relatório do IBM Tealeaf. Para acessar o Construtor de Relatório, selecione Analisar > Construtor de Relatório no menu Portal. Para obter informações adicionais sobre conceitos de dados, consulte Modelo de dados do Tealeaf na página 5. Por meio da interface do Construtor de Relatório, é possíel montar rapidamente relatórios significatios configurados para exibir os dados necessários em um formato atraente. Copyright IBM Corp. 1999,

120 Figura 75. Construtor de Relatório do Tealeaf Usando as ferramentas de tela, é possíel especificar os eentos e dimensões a incluir em seu relatório, definir o período de tempo e fazer drill down em detalhes. A partir do lado esquerdo do Construtor de Relatório, é possíel incluir ou remoer eentos e dimensões. Consulte o Painel do Seletor de Dados na página 116. O relatório configurado é atualizado em tempo real na janela principal. Consulte o Janela Gráfico na página 137. Detalhes do relatório atualmente exibido podem ser acessados por meio da barra de ferramentas. Consulte o Detalhes do Relatório na página 117. Uma barra de ferramentas úteis está disponíel acima da janela principal. Consulte o Barra de Ferramentas na página IBM Tealeaf cximpact: Guia de Relatório do Tealeaf

121 Por meio da barra de ferramentas, é possíel especificar a data ou o interalo de datas a exibir no relatório. Consulte o Seletor de Data na página 134. Para alterar opções de exibição, clique em Opções. Consulte o Opções de Relatório na página 144. Na tabela abaixo do gráfico, é possíel reisar os detalhes do relatório exibido. Algumas colunas do relatório contêm hiperlinks para os alores relatados. Consulte o Procuras de Drill Down na página 143. Fluxo de Trabalho Básico 1. Inclua eentos. Consulte o Incluindo Eentos na página 118. Nota: Para segmentar por diersas dimensões, ocê dee usar eentos que têm grupos de relatórios (fatos) que contêm ambas as dimensões. 2. Inclua dimensões no eixo X. Por padrão, o eixo X contém a dimensão Hora do Dia. Quando o gráfico estier exibindo um dia, o Construtor de Relatório exibe depósitos de uma hora. Alterar a dimensão do eixo X altera a maneira que o gráfico é renderizado e os dados que são retornados para exibição. Na do eixo X, é possíel incluir até oito dimensões que compartilham uma dimensão comum para criar uma hierarquia implícita de alores dimensionais. Essa hierarquia é somente para propósitos de exibição e não pode ser colocada em gráfico. Consulte o Incluindo Dimensões na página 127. Consulte o Efeito de Dimensões do eixo X em Relatórios na página Inclua dimensões no eixo Y. Incluir dimensões no eixo Y cria um striping ertical, fatiando os dados medidos em cada depósito do eixo X pelos alores dimensionais do eixo Y. Nota: É possíel incluir até uma dimensão do eixo Y. Consulte o Limitações em Dados do Gráfico na página 129. Consulte o Incluindo Dimensões na página 127. Consulte o Efeito de Dimensões do Eixo Y em Relatórios na página Inclua segmento. Consulte o Incluindo Segmentos na página 134. Incluir um segmento não afeta a exibição do gráfico. No entanto, a origem de dados do gráfico é alterada. É possíel aplicar até oito dimensões como segmentos. Se necessário, ocê clica no menu suspenso do segmento para selecionar alores dimensionais com os quais filtrar os dados. Consulte o Filtragem de Dimensão na página Configure opções de data em foco e de comparação. Consulte o Seletor de Data na página Se desejar, é possíel incluir uma descrição para o relatório. Consulte o Descrição do Gráfico na página Sale seu relatório. Consulte o Salando na página Como opção, é possíel exportar dados do relatório para o formato Excel, PDF ou de . Consulte o Importação/Exportação na página 152. Capítulo 3. Construtor de Relatório do Tealeaf 113

122 Construindo Estruturas de Dados de Relatório O Construtor de Relatório usa dados identificados no fluxo de transações capturadas usando dimensões, eentos e fatos. Essas entidades de dados são criadas no Tealeaf Portal. Essas entidades de dados são organizadas em grupos para fácil associação. Algumas dimensões, eentos e grupos pré-configurados são fornecidos na instalação padrão. Consulte "Tealeaf Eent Manager" no Manual do IBM Tealeaf Eent Manager. Barra de Ferramentas Figura 76. Construtor de Relatório do Tealeaf - barra de ferramentas Tabela 9. Barra de Ferramentas. Ícone Nome Descrição Interalo de Data Atualizar Manualmente Criar Noo Selecione uma data ou um interalo de data. Consulte o Seletor de Data na página 134. Quando selecionado, o relatório exibido não será atualizado até o botão Atualizar ser selecionado. Quando mudanças são feitas no relatório, ocê dee atualizá-lo manualmente para refletir essas mudanças. Crie um relatório. As tabelas de relatório são limpas. Atualizar Abrir Salar Salar como... Atualize o relatório exibido. O Construtor de Relatório do Tealeaf monitora quando os dados deem ser atualizados. Os dados são armazenadas em cache por cinco minutos. Clicar nesse botão força uma atualização dos dados do relatório. Abra um relatório salo. Nota: Ao procurar um relatório por etiqueta, todas as etiquetas de relatório são exibidas, mesmo se contierem somente relatórios Moimentador Superior. Essas etiquetas são exibidas como azias. Se o usuário não designar um rótulo para um relatório, o relatório receberá o rótulo Padrão, e estará disponíel sob o rótulo Padrão. Sale o relatório. Se ainda não o tier salado, insira u título para o relatório e clique em Salar. Consulte o Salar Relatório na página 150. Sale o relatório com um nome diferente. Consulte o Salar Relatório Como na página IBM Tealeaf cximpact: Guia de Relatório do Tealeaf

123 Tabela 9. Barra de Ferramentas (continuação). Ícone Nome Descrição Excluir Relatório Exclua o relatório. Detalhes do Relatório Relatório de Planejamento Exportar Relatório Visualize detalhes sobre eentos, dimensões e outros componentes do relatório. Consulte o Detalhes do Relatório na página 117. Planeje execução e entrega do relatório. Consulte o Planejamentos de Relatório na página 152. Exporte o relatório. Consulte o Exportar na página 154. Incluir Relatório no Painel Opções Barra ertical Barra Horizontal Linha Área Pizza Inclua o relatório em um painel. Consulte o Incluir no Painel na página 150. Abra as opções de exibição e de dados. Consulte o Opções de Relatório na página 144. Exiba relatório como um gráfico de barras erticais (padrão). Eentos indiiduais podem ser configurados para exibição em diferentes tipos de gráficos. Consulte o Menu Drop-down na página 120. Exiba relatório como um gráfico de barras horizontais. Eentos indiiduais podem ser configurados para exibição em diferentes tipos de gráficos. Consulte o Menu Drop-down na página 120. Exiba relatório como um gráfico de linhas. Eentos indiiduais podem ser configurados para exibição em diferentes tipos de gráficos. Consulte o Menu Drop-down na página 120. Exiba relatório como um gráfico de área. Eentos indiiduais podem ser configurados para exibição em diferentes tipos de gráficos. Consulte o Menu Drop-down na página 120. Exiba relatório como um gráfico pizza. Eentos indiiduais podem ser configurados para exibição em diferentes tipos de gráficos. Consulte o Menu Drop-down na página 120. Nota: Não é possíel aplicar funções ou usar Comparar interalos de data em gráficos pizza. Capítulo 3. Construtor de Relatório do Tealeaf 115

124 Nota: Os ícones da barra de ferramentas para configurar o tipo de gráfico definem a configuração geral para o gráfico. Essa configuração pode ser substituir para eentos indiiduais. Por exemplo, é possíel criar um gráfico de barras erticais e definir um eento para ser uma linha dentro do gráfico de barras. Consulte o Menus de Contexto de Eento na página 120. Painel do Seletor de Dados Do lado esquerdo da tela, é possíel configurar os dados a serem incluídos em seu relatório por meio do Painel do Seletor de Dados. Para incluir eentos, clique na guia Eentos. Consulte o Incluindo Eentos na página 118. Para incluir dimensões, clique na guia Dimensões. Consulte o Incluindo Dimensões na página 127. Figura 77. Construtor de Relatório - Painel do Seletor de Dados 116 IBM Tealeaf cximpact: Guia de Relatório do Tealeaf

125 Detalhes do Relatório A janela Detalhes do Relatório exibe informações sobre o relatório atualmente selecionado, incluindo todos os eentos, proporções e dimensões incluídas no relatório. Figura 78. Janela Detalhes do Relatório Seção Descrição Título O nome do relatório salo Descrição A descrição pode ser editada ao lado do gráfico exibido. Datas O interalo de data em foco e, se aplicáel, o interalo de comparação Métricas Eentos e proporções que são usados no relatório Filtros Dimensões que são aplicadas para filtrar os dados do relatório Capítulo 3. Construtor de Relatório do Tealeaf 117

126 Relatórios Fornecidos pelo Tealeaf Incluindo Eentos O Tealeaf fornece um conjunto de relatórios que podem ser carregados por meio do Portal. Consulte o Capítulo 5, Relatórios Fornecidos pelo Tealeaf, na página 173. Muitos desses relatórios podem ser carregados ou recriados por meio do Construtor de Relatório do Tealeaf para gerar relatórios específicos para as suas necessidades de relatório. Esses relatórios podem ser instrumentos úteis para aprender como funciona o Construtor de Relatório. Consulte o Relatórios de Atiidades na página 23. Qualquer relatório disponíel no Construtor de Relatório pode ser incluído em painéis como gráficos ou tabelas para relatório de captura instantânea. Consulte o Incluir no Painel na página 150. É possíel incluir eentos no relatório. Para incluir um eento, selecione a guia Eentos. Clique em Incluir Eento. Alguns eentos podem ser colocados em gráfico com um conjunto limitado de dimensões. Todos os eentos em um relatório deem conter um grupo de relatórios que contém todas as dimensões incluídas, embora esse grupo de relatórios não precise ser o mesmo grupo entre os eentos no relatório. Nota: Se ocê incluir um eento ou dimensão e o número total de linhas em potencial a serem exibidas na tabela detalhada exceder linhas, um aiso indica que o desempenho do relatório pode ser afetado. Se o aiso for ignorado, o Construtor de Relatório tenta consultar e exibir o relatório. Se esse limite de linhas for realmente excedido nos dados retornados, o relatório não será exibido. Consulte o A consulta de relatório retornou muitas linhas (> 1.000). Filtre ou execute N Superiores em sua solicitação. na página 156. Se o aiso for cancelado, as mudanças propostas são mantidas de forma que seja possíel aplicar filtragem para reduzir o escopo do relatório. Consulte o Filtragem de Dimensão na página 130. Nota: Se ocê incluir diersos eentos com dimensões compartilhadas, todos os dados serão exibidos, independentemente de se os dados aparecem para ambos os eentos. Suponhamos que o Eento A e o Eento B compartilhem a Dimensão 1 e que o Eento A possua dados para a Dimensão 1 alor 1a, mas o Eento B não. Os dados para o Eento A, Dimensão 1, alor 1a são exibidos no relatório, enquanto que o eento B mostra um alor em branco para esse ponto de dados. Os alores de dimensões que não existem no conjunto de dados podem ser preenchidos com 0. Nota: Não é possíel incluir diersas instâncias do mesmo eento com o mesmo tipo de dados em um único relatório, como seria considerado uma duplicata, o que não é permitido. No entanto, se ocê incluir o eento e alterar o tipo de dados para a primeira instância, será possíel, então, incluir o eento noamente, já que a combinação do eento/tipo de dados padrão não está presente no relatório. 118 IBM Tealeaf cximpact: Guia de Relatório do Tealeaf

127 Figura 79. Seletor de Eentos No Seletor de Eentos, é possíel selecionar um ou mais eentos para incluir no relatório conforme especificado. Quando incluídos, esses eentos complementam os eentos que já estão incluídas no relatório. Para obter informações adicionais sobre um eento listado, moa o cursor do mouse sobre o ícone do eento. As informações de dica de ferramenta do eento são exibidas. Os eentos que não podem ser incluídos no relatório não são exibidos. Eentos de bloco de construção não podem ser incluídos em um relatório. Consulte "Guia Eentos do TEM" no Manual do Gerenciador de Eentos do IBM Tealeaf. Nota: Eentos inatios podem ser incluídos em relatórios, enquanto são configurados para exibição no Portal. Durante os períodos de inatiidade, os eentos não criam alores de eentos. Se alores de eentos forem exibidos como alores distorcidos em um relatório, ocê dee erificar se o eento está atio para o período de relatório. Consulte "Guia Eentos do TEM" no Manual do Gerenciador de Eentos do IBM Tealeaf. Nota: Os eentos disponíeis são restritos a eentos que têm as dimensões atualmente no relatório. Se ocê criar um relatório desde o início, não há dimensões. então, é possíel selecionar qualquer eento. Mas após incluir uma dimensão no relatório, por exemplo, a dimensão X, será possíel incluir somente eentos que tenham a dimensão X. Capítulo 3. Construtor de Relatório do Tealeaf 119

128 Eentos configurados para descartar a sessão podem ser incluídos no relatório. No entanto, suas contagens de sessões são sempre zero. Consulte "Guia Eentos do TEM" no Manual do Gerenciador de Eentos do IBM Tealeaf. Para filtrar a lista de eentos disponíeis, comece digitando texto na caixa de texto. Para selecionar um eento, clique na caixa de opção ao lado de seu nome e clique em Incluir no Relatório. O eento é incluído no Painel Seletor de Dados e o relatório é atualizado automaticamente. Após incluir um eento numérico, o tipo de dados para o eento é listado entre colchetes. Para eentos regulares, o tipo de dados padrão é [Count]. Para eentos numéricos, o tipo de dados padrão é [Sum]. Por proporções, o tipo de dados é configurado para [Ratio]. Se um item for renomeado, o tipo de dados não será mais exibido automaticamente. O tipo de dados exibido no relatório pode ser configurado no menu de contexto. Consulte o Menu Drop-down. É possíel incluir o mesmo eento ou proporção diersas ezes para er os dados relatados de diersas maneiras, como contagem bruta ou média. Você dee abrir o Seletor de Eentos diersas ezes. Nota: Quando o mesmo eento é incluído diersas ezes, seus dados são exibidos na tela somente uma ez, embora os dados possam estar em uso de diersas maneiras no relatório. Dimensão de Eento Automático Se nenhuma dimensão for incluída no relatório, a dimensão Automatic especial é aplicada ao relatório. Quando usuários do relatório ajustam datas para exibir no relatório, a dimensão baseada em data adequada é automaticamente selecionada para o relatório. Se nenhuma dimensão for incluída no relatório, todos os eentos incluídos deem usar a dimensão Automatic. Se uma dimensão específica for selecionada para qualquer eento selecionado, a dimensão Automatic não é aplicada. Menus de Contexto de Eento Estas informações descreem os diferentes menus de contexto de eento e suas funções. Menu Drop-down Quando um eento é incluído no relatório, os itens a seguir estão disponíeis no menu suspenso para o item. Comando Descrição Tipo de Dados Para os dados de eento numérico, é possíel configurar como os alores do eento são exibidos. O Tipo de Dados atual para um eento incluído é listado entre colchetes depois do nome do eento no painel esquerdo. Esses alores são alores fáticos. 120 IBM Tealeaf cximpact: Guia de Relatório do Tealeaf

129 Nota: Se drill downs de procura estierem atiados no relatório, é possíel concluir driil downs em eentos de tipo de dados Soma e Contagem. Consulte o Procuras de Drill Down na página 143. Count - contagem de instâncias do eento Aerage - média de todos os alores do eento encontrados Sum - soma de todos os alores do eento encontrados Minimum - mínimo de todos os alores do eento encontrados Maximum - máximo de todos os alores do eento encontrados Report Group Selecione o grupo de relatórios que está associado ao eento a ser exibido no relatório. Nota: O relatório Automatic grupo é selecionado automaticamente para um eento quando nenhuma dimensão estier presente no relatório. Quando uma dimensão for incluída no relatório, é possíel selecionar a partir da lista de grupos de relatórios disponíeis para cada eento. Para selecionar o fato correspondente mais antigo, selecione Automatic. Consulte o Alterando o Grupo de Relatórios na página 122. Display Selecione como o eento selecionado ou proporção é exibido: Nota: Essas configurações se aplicam ao eento selecionado e substituem as configurações que são aplicadas ao gráfico como um todo. Consulte o Opções de Relatório na página 144. Usar padrão do gráfico - Usar as configurações padrão para o gráfico Display as Bars - Exibir dados do eento como uma barra Display as Line - Exibir dados do eento como uma série de linhas Display as Shaded Area - Exibir dados do eento como área sombreada Data Precision Para eentos numérico e proporções, é possíel configurar a precisão dos dados exibidos: Exact - Exibir dados em seu formato bruto calculado Whole Numbers - Exibir dados como números inteiros É possíel optar por exibir dados com um número especificado de dígitos após o separador decimal. Data Format É possíel escolher o formato para dados do eento exibidos. Default - Dados do eento são exibidos no formato em que foram capturados e processados. Percentage - Os dados são conertidos em alores de porcentagem. Por exemplo, o alor 2,5 é exibido como 250%. Add Function Para eentos numéricos, é possíel, como opção, aplicar uma das funções disponíeis para exibir dados de saída da função que são calculados durante um período especificado em paralelo aos dados de seu eento no gráfico. Nota: Funções são aplicadas aos dados em Foco ao longo de um período especificado. Capítulo 3. Construtor de Relatório do Tealeaf 121

130 Nota: Funções não são compatíeis com o uso de um interalo de Comparação. Consulte o Incluindo Funções na página 123. Renomear Renomeie o nome de exibição do eento conforme exibido no gráfico. Essa renomeação se aplica à exibição do eento no gráfico somente, o que é útil para esclarecimento de proporções ou gerenciamento de nomes mais longos de eentos. Quando um eento é renomeado, o indicador de tipo de dados é remoido da tela. Consulte o Incluindo Eentos na página 118. Remoer Remoa o eento do gráfico. Alterando o Grupo de Relatórios: Na maioria dos casos, usar o menu suspenso do eento para alterar o grupo de relatórios exibido em um relatório não altera o conteúdo do relatório exibido. A seleção do grupo de relatórios controla somente as dimensões que podem ser usadas no relatório. Nota: Para alterar para um grupo de relatórios diferente do Automatic, ocê dee incluir uma dimensão no relatório, após a qual os grupos de relatórios releantes estarão disponíeis para seleção no menu suspenso do eento. Exceções: Se o noo grupo de relatórios selecionado tier sido criado após o grupo de relatórios original, os dados exibidos podem refletir a faixa de data disponíel para o noo grupo de relatórios. Se o noo grupo for mais antigo que a ersão original, os dados históricos podem ser omitidos ou preenchidas com zeros. Consulte "Guia Dimensões do TEM" no Manual do IBM Tealeaf Eent Manager. No modo Aançado para eentos, é possíel configurar eentos para relatarem alores de fatos específicos. No entanto, este método não é recomendado. Caso contrário, alterar o grupo de relatórios ao qual uma dimensão em um relatório pertence não dee afetar o relatório exibido. Menu Comparar Quando um período de comparação é configurado para o eento ou proporção, o menu Comparar é exibido abaixo do eento ou proporção selecionado. Usando um interalo de Comparação, é possíel comparar os dados do interalo em Foco exibido para outro período configurado no mesmo gráfico. Para obter informações adicionais sobre como configurar o interalo de Comparação, consulte Comparar Interalo na página 135. Comando Descrição Display Selecione como a função selecionada é exibida: Nota: Essas configurações se aplicam à métrica específica de comparação e substituem as opções selecionadas para o gráfico inteiro. Para obter informações adicionais sobre as opções de configuração, consulte Opções de Relatório na página 144. Use Chart Default - Usar as configurações padrão para esse tipo de gráfico 122 IBM Tealeaf cximpact: Guia de Relatório do Tealeaf

131 Display as Bars - Exibir dados da função como uma barra Display as Line - Exibir dados da função como uma série de linhas Display as Shaded Area - Exibir dados da função como área sombreada Data Precision É possíel configurar a precisão dos dados exibidos: Exact - Exibir dados em seu formato bruto calculado Whole Numbers - Exibir dados como números inteiros É possíel optar por exibir dados com um número especificado de dígitos após o separador decimal. Remoer Remoa a função do gráfico. Menu Função Se uma função for aplicada aos dados do interalo em Foco do eento selecionado, a função denominada será exibida abaixo do eento. Consulte o Incluindo Funções. Os comandos a seguir estão disponíeis no menu suspenso da função. Comando Descrição Período da Função Configure o interalo do período de função em pontos de dados. Dependendo da função em uso, esse interalo de período pode ter diferentes interpretações. Consulte o interalos de Períodos de Função na página 125. Remoer Função Remoa a função do gráfico. Além desses comandos, o menu Função contém os comandos Exibir do menu suspenso. Consulte o Menu Drop-down na página 120. Contagens de Dados do Eento Também é possíel selecionar o tipo de alor para mostrar para cada eento. Se desejar er contagens de dados diferentes para o mesmo eento, inclua o eento diersas ezes e configure as contagens de dados para cada eento, conforme necessário. Como é possíel colocar barras e linhas no mesmo gráfico, é possíel fazer coisas como mostrar a contagem de eentos e os cálculos de média no mesmo gráfico. A exibição indica o tipo de alor que é exibido no gráfico e os cabeçalhos da tabela. Se ocê incluir o mesmo eento duas ezes, será possíel er as contagens de dados em uso para cada instância do eento. Incluindo Funções Como opção, é possíel aplicar funções matemáticas a dados de eentos numéricos ou proporções para o interalo em Foco e exibir os resultados no mesmo gráfico que os dados da instância. Usando essas funções, como média do mesmo dia, média, mínimo e máximo, é possíel fazer comparações imediatas de dados da instância com relação aos dados no interalo do período da função. Capítulo 3. Construtor de Relatório do Tealeaf 123

132 Para a mesma métrica, é possíel incluir diersas funções ou duplicatas da mesma função, com interalos de data diferentes. Se diersas funções forem usadas para a mesma métrica, a primeira função dee ter um alor, caso contrário, nenhuma das funções será exibida. Nota: Funções podem ser incluídas para qualquer eento ou proporção se nenhuma dimensão estier presente. Se a dimensão Hora do Dia, Day and Hour, ou Day for incluída no gráfico, ocê dee incluir explicitamente uma dimensão baseada em tempo no gráfico para permitir a inclusão de funções. Nota: Funções não podem ser usadas no mesmo relatório que a filtragem N Superiores. Consulte o Filtragem de Dimensões N Superiores na página 132. Nota: Se ocê incluir diersas proporções com funções em um relatório, não será possíel usar dimensões não de calendário no mesmo. Etapas de Configuração 1. Funções são aplicadas aos dados em Foco ao longo do interalo do período especificado. Funções podem ser aplicadas somente aos dados do interalo em Foco. Elas não podem ser incluídas, se um interalo de Comparação for definido para o relatório. Para exibir o menu Incluir Função, ocê dee remoer o interalo de Comparação do relatório. 2. Para incluir uma função, selecione-a no submenu Add Function no menu suspenso para o eento ou proporção. Consulte o Tipos de Funções. 3. Após incluir a função, é possíel configurá-la, inclusie alterando o interalo da função. Consulte o interalos de Períodos de Função na página 125. Tipos de Funções As funções a seguir estão disponíeis para aplicar a dados de Foco para eentos ou proporções. Esses tipos de função são compatíeis com as dimensões a seguir: Day, Day and Hour, e Hora do Dia (para interalos em Foco de data). Essas funções não podem ser usadas com outras dimensões de tempo. Se nenhuma dimensão de interalo de data for explicitamente incluída, o interalo de data é calculado automaticamente para exibição na saída mais legíel. Por exemplo, para interalos de data maiores que 28 dias, o interalo de data será configurado para Mês e funções não podem ser aplicadas. Tabela 10. Tipos de Funções Função Descrição Interalo do Período Padrão Preious Days Aerage Same Day of Week Aerage O alor médio dos alores durante o número de dias anteriores especificados pelo interalo de período Calcula uma média móel dos dados para o mesmo dia pelo número de semanas precedentes que forem especificadas pelo interalo do período. 4 pontos de dados (4 dias) 7 pontos de dados (7 dias) 124 IBM Tealeaf cximpact: Guia de Relatório do Tealeaf

133 Tabela 10. Tipos de Funções (continuação) Função Descrição Interalo do Período Padrão Same Day of Week Minimum Same Day of Week Maximum Valor mínimo dos alores para o mesmo dia durante o número de semanas anteriores que são especificados pelo interalo de período Valor máximo dos alores para o mesmo dia durante o número de semanas anteriores que são especificados pelo interalo de período 4 pontos de dados (4 semanas) 4 pontos de dados (4 semanas) Quando uma função é incluída, ela é listada por nome sob o eento ou proporção ao qual ela é aplicada. O gráfico é atualizado para incluir a saída de função ao lado dos dados do período em foco. É possíel incluir diersas funções de tipos diferentes para o mesmo eento ou proporção. Não é possíel incluir diersas funções do mesmo tipo para o mesmo item. É possíel alterar o tipo de gráfico para a função no menu suspenso. Consulte o Menu Função na página 123. Cada função também é incluída como uma coluna na tabela de detalhes. É possíel configurar aspectos da exibição dos dados da função a partir de seu menu suspenso. Especificamente, é possíel configurar o interalo do período de relatório para os dados de função. Consulte o interalos de Períodos de Função. Consulte o Menu Função na página 123. interalos de Períodos de Função O interalo de período para a função indica o número de pontos de dados a ser usado no cálculo. É possíel selecionar um dos alores predefinidos ou inserir um alor customizado para esse período. Nota: Dependendo do tipo de função, como o número de pontos de dados configurado se aplica aos dados de Foco pode ariar. Consulte o Tipos de Funções na página 124. Quando uma função é incluída, nenhuma erificação é feita para er se os dados estão disponíeis para todos os pontos de dados necessários para preencher o interalo de período da função. Valores relatados podem ser influenciados por dados incompletos. Por exemplo, se somente sete dias de dados existirem para um período de 28 dias, então, os cálculos de alor médio tendem para baixo. Os alores mínimo e máximo não podem capturar os alores erdadeiros durante o período. Para fazer a média de funções, o interalo do período de função dee ser pelo menos 3. O limite superior em dias para o interalo de função é definido pelo número de dias de dados de relatório diário retido (Reporting Data (daily)-days Retain). Esse limite não fatora a data quando o Tealeaf foi instalado; é possíel especificar um período de função que inclua datas de antes do Tealeaf ter sido instalado. Capítulo 3. Construtor de Relatório do Tealeaf 125

134 Incluindo Proporções Consulte "Configurações do CX" no Manual de Administração do IBM Tealeaf cximpact. Nota: Para erificar a presença de dados durante o período de função, configure o interalo em Foco para cada eento no qual ocê está incluindo uma função para ser um período tão longo quanto o interalo de período de função. Além de relatar sobre alores de eentos, é possíel criar relatórios sobre proporções entre eentos. É possíel criar proporções em contas ou somas ou combinações de ambas. Para incluir uma proporção, selecione a guia Eentos e clique em Incluir Proporção. Figura 80. Editar Proporção de Eento Para configurar uma proporção: 1. Para selecionar um eento para o numerador, clique em <Selecionar um Numerador. O Seletor de Eentos é exibido. Consulte o Incluindo Eentos na página Para selecionar um eento para o denominador, clique em <Selecionar um Denominador. O Seletor de Eentos é exibido. Consulte o Incluindo Eentos na página 118. Para alterar um eento na proporção, use o menu de contexto para o eento. Consulte o Menus de Contexto de Eento na página Para incluir a proporção configurada para o relatório, clique em Incluir no Relatório. Para cancelar as mudanças, clique em Cancelar. Nota: Procuras por drill down em dados de proporção na grade da tabela não são permitidas. Menu de Contexto Proporção Quando uma proporção é incluída no relatório, os itens a seguir estão disponíeis no menu suspenso para o item. Comando Descrição Editar Proporção Edite a proporção selecionada. Consulte o Incluindo Proporções. 126 IBM Tealeaf cximpact: Guia de Relatório do Tealeaf

135 Incluindo Dimensões Display Para obter informações adicionais sobre as opções de exibição, consulte Menu Drop-down na página 120. Data Precision Para obter informações adicionais sobre as opções de precisão de dados, consulte Menu Drop-down na página 120. Add Function Para proporções numéricas, como opção, é possíel aplicar uma das funções disponíeis para exibir dados de saída da função que são calculados durante um período especificado em paralelo com seus dados de proporção no gráfico. Nota: Funções são aplicadas aos dados em Foco ao longo de um período especificado. Consulte o Incluindo Funções na página 123. Renomear Renomeie o nome de exibição da proporção conforme exibido no gráfico. Essa renomeação se aplica à exibição da proporção no gráfico somente, o que é útil para esclarecimento de proporções ou gerenciamento de nomes mais longos de proporções. Remoer Remoa a proporção do gráfico. Para concluir análise dimensional em seu relatório, é possíel incluir dimensões em qualquer um dos três locais designados: eixo X, eixo Y ou Segmento. Todas as dimensões no relatório deem ter pelo menos um grupo de relatórios em comum com todas as outras dimensões. Não é possíel incluir diersas instâncias nos eixos X e nos eixos Y. É possíel incluir diersas instâncias da mesma dimensão na área de Segmento. Para obter informações adicionais sobre como incluir segmentos, consulte Incluindo Segmentos na página 134. Dimensões podem ser moidas entre os eixos usando arrastar e soltar, o que presera qualquer filtragem de dimensão configurada. Para incluir uma dimensão em seu relatório: 1. Clique na guia Dimensões. Para filtrar a lista de dimensões exibidas, insira uma sequência de caracteres no texto Filtro. O filtro é aplicado em tempo real. 2. Reise as dimensões disponíeis. É possíel incluir dimensões azuis ou cinzas em seu relatório. Dimensões azuis: As dimensões azuis são dimensões customizadas que são especificadas no eento atualmente selecionado. Dimensões cinzas: Dimensões de Tempo padrão são automaticamente registradas pelo Tealeaf. Por padrão, somente as dimensões compatíeis são exibidas. Se seu eento selecionado não incluir uma dimensão específica, essa dimensão não está disponíel para seleção no relatório. Por exemplo, se o eento não tier Tipo de Naegador como uma dimensão, a dimensão do Tipo de Naegador não será exibida na coluna esquerda. Capítulo 3. Construtor de Relatório do Tealeaf 127

136 Dimensões cinzas escuras: Essas dimensões não estão disponíeis para seleção para o eento atual. Para er todas as dimensões, inclusie aquelas que não estão disponíeis para seleção, clique na caixa de seleção Mostrar Todas as Dimensões. Consulte o Codificação de Cores de Dimensão na página Arraste e solte a dimensão até um dos interalos da área de lançamento disponíeis no relatório. Nota: Se ocê incluir um eento ou dimensão e o número total de linhas em potencial a serem exibidas na tabela detalhada exceder linhas, um aiso indica que o desempenho do relatório pode ser afetado. Se o aiso for ignorado, o Construtor de Relatório tenta consultar e exibir o relatório. Se esse limite de linhas for realmente excedido nos dados retornados, o relatório não será exibido. Consulte o A consulta de relatório retornou muitas linhas (> 1.000). Filtre ou execute N Superiores em sua solicitação. na página 156. Se o aiso for cancelado, as mudanças propostas são mantidas de forma que seja possíel aplicar filtragem para reduzir o escopo do relatório. Também é possíel clicar em <Incluir no eixo X, no eixo Y ou na área Segmento para selecionar no seletor de Dimensão. Para remoer uma dimensão, clique em seu menu suspenso e selecione Remoer. 4. O relatório é atualizado. 5. Como opção, é possíel filtrar as dimensões incluídas para exibir somente alores selecionados. Consulte o Filtragem de Dimensão na página 130. Menu de Contexto Dimensão Quando uma dimensão é incluída no relatório, os itens a seguir estão disponíeis no menu suspenso para o item. Comando Descrição Filtro Aplique filtragem ao relatório com base em alores de dimensões. Consulte o Filtragem de Dimensão na página 130. Renomear Renomeie o nome de exibição da dimensão conforme exibido no gráfico. Essa renomeação se aplica à exibição da dimensão no gráfico somente, o que é útil para esclarecimento de dimensões ou gerenciamento de nomes mais longos de dimensões. Remoer Remoa a dimensão do gráfico. Qualquer filtragem aplicada à dimensão remoida será esquecida se ocê tentar incluí-la em outra área do relatório. É possíel arrastar a dimensão entre os eixos. Localizando Eentos Associados a uma Dimensão Nota: É possíel usar o Construtor de Relatório para identificar os eentos com os quais uma dimensão está associada. Siga estas etapas: 1. No Construtor de Relatório, clique no ícone Noo na barra de ferramentas. 2. Clique na guia Dimensões. Clique e arraste a dimensão de interesse para o eixo X. 128 IBM Tealeaf cximpact: Guia de Relatório do Tealeaf

137 3. Clique na guia Eentos. Clique em Incluir Eento. 4. Limpe a caixa de seleção Visualizar por Etiquetas. 5. Todos os eentos listados foram associados à dimensão e podem ser usados no mesmo relatório. Também é possíel procurar combinações de eento + dimensão por meio do Portal. Consulte "Procurando Dados da Sessão" no Manual do Usuário do IBM Tealeaf cximpact. Para obter informações adicionais sobre como associar eentos com dimensões, consulte "Guia Dimensões do TEM" no Manual do Gerenciador de Eentos do IBM Tealeaf. Limitações em Dados do Gráfico As limitações a seguir se aplicam a dados selecionados e de gráfico. Independentemente de se alguns dos eentos selecionados e dimensões podem ser representados em gráfico ou não, os dados que são exibidos no gráfico estão corretos. Limites Gerais de Dimensões de Dados para Relatórios Em um relatório, é possíel ter até noe dimensões especificadas: 4 dimensões do eixo x Nota: Um gráfico não pode ser renderizado para um relatório que contém diersas dimensões do eixo X. 1 dimensão do eixo y 4 dimensões de segmento Um gráfico pode ter até noe dimensões, incluindo as dimensões de data, que estão sempre disponíeis. Nota: É possíel incluir mais de quatro dimensões distintas, incluindo dimensões de tempo. Elas ocupam pontos no eixo X, no eixo Y e nas zonas de Segmento. Limites de Dimensão para Gráfico As limitações a seguir se aplicam à exibição de dados do gráfico, independentemente do tipo de gráfico : Diersas dimensões não podem ser colocadas em gráfico. Não é possíel colocar em gráfico uma dimensão do eixo Y se ocê incluir diersos eentos. O número de dimensões depende do tipo de gráfico selecionado: Gráficos de Barras, Linhas ou Sombreados: Não é possíel colocar em gráfico uma dimensão do eixo Y se ocê incluir diersos eentos. Pizza: É possíel incluir até 4 dimensões de segmento e 1 dimensão do eixo Y se ocê tier somente 1 eento. Não é possíel incluir uma dimensão do eixo Y se tier mais de 1 eento. Não é possíel incluir dimensões do eixo X em um gráfico pizza. Se ocê alternar de um gráfico de barras/linhas/sombreado para um gráfico pizza. o gráfico pizza ignora as dimensões do eixo x configuradas. Capítulo 3. Construtor de Relatório do Tealeaf 129

138 Codificação de Cores de Dimensão Na guia Dimensões, o esquema de codificação de cores a seguir é usado para indicar a usabilidade de uma dimensão exibida no relatório atualmente configurado. Cor Descrição azul Dimensão é configurada pelo usuário. cinza A dimensão é incluída na instalação padrão pelo Tealeaf. cinza-escuro Dimensão não é compatíel com o eento selecionado. Filtragem de Dimensão É possíel reduzir quais dados são incluídos no gráfico, editando a filtragem de dimensão para incluir ou excluir dimensões específicas para limitar a exibição de dimensões filtradas para um número de alores N superiores ou ambos. Por exemplo, suponhamos que ocê esteja interessado em onde os isitantes estão pela primeira ez entrando em seu site. É possíel criar uma sessão que é chamada First Hit of Session, que é acionada em todas as sessões na primeira ocorrência. É possíel, então, associar a dimensão Tealeaf URL (Normalizada) com o eento. Agora é possíel relatar a URL em que a primeira ocorrência da sessão é acionada. Dependendo do site, no entanto, essa lista de URLs pode ser muito longa para ser útil. Usando a filtragem dimensional, é possíel limitar o relatório para exibir somente os 25 alores superiores. Por diersos motios, pode ser que já tenha decidido filtrar a lista de alores na dimensão URL (Normalized) em uma lista de desbloqueio de URLs aceitas e úteis. No Construtor de Relatório do Tealeaf, é possíel filtrar o relatório para exibir somente os 25 alores superiores a partir da lista de desbloqueio. Também é possíel filtrar o filtro de dimensão configurado para URL (Normalizada) para excluir alores. Por exemplo, é possíel remoer as constantes do Tealeaf como others, limit e null. Exceto para a dimensão Year, dimensões de calendário que se estendem por anos são classificadas em ordem os alores de dimensão e não refletem as diferenças no ano. Por exemplo, se a dimensão Week fizer a ponte entre 2011 e 2012, a Semana 1 de 2012 será listada no relatório antes da semana 52 de Na definição da dimensão, alguma filtragem e mapeamento de alores de dimensão pode já estar especificada em uma lista de desbloqueio ou em uma lista de bloqueio. Quando os dados são detectados, essas modificações são concluídas antes que os dados estejam disponíeis para relatório. Consulte "Guia Dimensões do TEM" no Manual do Gerenciador de Eentos do IBM Tealeaf. 1. Para filtrar o relatório que é baseado em uma dimensão que ocê inclui, clique no menu suspenso ao lado da dimensão incluída e selecione Filtrar. Nota: Quando dimensões, como dimensões de data, são incluídas ainda mas não podem ser filtradas, a opção Filtro não estará disponíel. 2. O diálogo Filtro de Dimensão é exibido: 130 IBM Tealeaf cximpact: Guia de Relatório do Tealeaf

139 Figura 81. Construtor de Relatório - Filtro de Dimensão 3. No diálogo Filtro de Dimensão, é possíel selecionar qualquer um dos modos de filtragem a seguir: Filtrar por Valor: Com base em alores de dimensão selecionados para incluir ou excluir, a exibição do relatório é filtrada. Consulte o Filtragem de Dimensão por Valor na página 132. N Superiores: Para o conjunto de alores selecionado, é possíel optar por filtrar os mesmos para exibir somente os alores que ocorrem com mais frequência durante o período do relatório. Consulte o Filtragem de Dimensões N Superiores na página 132. Nota: Se esse relatório for exportado como um modelo, somente alores de dimensão incluídos na lista de desbloqueio são incluídos na exportação, que mantém exportação em um tamanho gerenciáel. Dimensões de data não contêm alores incluídos na lista de desbloqueio. 4. Com base em sua seleção, uma configuração adicional pode ser necessária. 5. Para remoer qualquer alor de filtro da lista, clique no ícone X ao lado dele. Capítulo 3. Construtor de Relatório do Tealeaf 131

140 6. Para aplicar as mudanças para filtragem de dimensão, clique em Aplicar. O relatório é atualizado automaticamente. Para cancelar as mudanças, clique em Cancelar. Filtragem de Dimensão por Valor Ao selecionar a opção Filtrar por Valor, é possíel optar por incluir ou excluir alores específicos. Por padrão, todos os alores detectados para a dimensão são incluídos no relatório exibido. Nota: Como as dimensões a seguir não têm alores específicos, filtra por alores selecionados para essas dimensões não é permitido: Day, Day and Hour, Week Starting, Quarter Starting, estart of Year. 1. Na lista suspensa Filtrar por Valor, selecione o tipo de filtragem a executar: Include Only Selected Values - Valores de dimensão listados no diálogo Filtro de Dimensão são incluídos no relatório. Exclude Only Selected Values - Valores de dimensão listados no diálogo Filtro de Dimensão são excluídos do relatório. Nota: Se um filtro for aplicado que exclua alores, links de drill down são desatiados, deido à complexidade da consulta de drill down. 2. Selecione alores: Comando Descrição Incluir Valores Inclua alores a serem incluídos ou excluídos. All Values - Inclua todos os alores detectados para a dimensão. Whitelisted Values - Selecione alores da lista de alores incluídos na lista de desbloqueio para a dimensão. Listas de desbloqueio da dimensão são especificadas na definição da dimensão. Para obter informações adicionais, "Guia Dimensões do TEM" no Manual do Gerenciador de Eentos do IBM Tealeaf. Para obter informações adicionais sobre seleção de alores, consulte Seletor de Valor de Dimensão na página 133. Limpar Valores Limpe todos os alores do filtro. Filtragem de Dimensões N Superiores Quando a opção N Superiores é selecionada, ocê está especificando o conjunto de alores que ocorrem com mais frequência durante o período de tempo para exibir no relatório. Com relatório de N Superiores, ocê foca os dados de dimensão que ocorrem mais comumente. Quando o filtro for aplicado, oorelatório será atualizado para exibir dados para os alores superiores por ocorrência, até o número máximo de ocorrências especificado. Por exemplo, se a dimensão URL (Normalized) for filtrado para os 25 alores superiores, o relatório será atualizado para mostrar dados que ocorrem nas 25 URLs mais frequentemente isitadas de seu aplicatio da web. Para relatório de N Superiores, é possíel optar por exibir até 1000 alores. Limitações em Relatório de N Superiores: relatório de N Superiores: As limitações a seguir se aplicam ao 132 IBM Tealeaf cximpact: Guia de Relatório do Tealeaf

141 A filtragem dimensional de N Superiores pode ser aplicada a uma dimensão no eixo X, no eixo Y ou no Segmento. Filtragem de N Superiores não pode ser aplicada às dimensões de calendário. Filtragem de N Superiores não pode ser aplicada quando um período de comparação é aplicado ao relatório. Filtragem de N Superiores não pode ser aplicada em um relatório que também usa uma ou mais funções de dados. Consulte o Incluindo Funções na página 123. Dependendo do tipo de dimensão, algumas opções de filtragem podem não estar disponíeis. A dimensão Dia e Hora ou as dimensões que retornam alores de registro de data e hora não podem ser filtrados por alores, pois esses alores não estão configurados. Seletor de Valor de Dimensão Ao optar por incluir ou excluir alores, é possíel selecionar um ou mais alores de dimensão no Seletor de Valor de Dimensão. Figura 82. Construtor de Relatório - Filtro de Dimensão - Selecionando Valores Para filtrar a exibição, insira texto na caixa de texto e pressione ENTER. Somente os alores de dimensão que correspondem à sequência de filtros são exibidos. Para usar os alores selecionados, clique em Selecionar. Para cancelar mudança dos alores, clique em Cancelar. O Seletor de Valor de Dimensão pode conter os seguintes alores especiais: Capítulo 3. Construtor de Relatório do Tealeaf 133

142 [Vazio] [Limite] [Nulo] [Outros] Seletor de Data Para obter informações adicionais sobre esses alores, consulte "Guia Dimensões do TEM" no Manual do Gerenciador de Eentos do IBM Tealeaf. Incluindo Segmentos É possíel especificar segmentos de dados para usar para filtrar os dados do relatório exibido. A especificação Segmento descree os alores para os quais ocê está relatando. Os alores de filtro do segmento não são necessariamente exibidos no relatório. Nota: Se seu segmento for definido por um conjunto de alores incluídos na lista de desbloqueio, procura por drill down nesses alores não é permitida deido à complexidade da lógica da consulta. Para modificar os alores que são incluídos no segmento, clique na lista suspensa do Segmento e selecione Filtrar. Consulte o Filtragem de Dimensão na página 130. Por exemplo, suponhamos que ocê esteja procurando uma resposta para a pergunta a seguir: "mostre-me os produtos (eixo Y) por cartão de crédito (eixo X) para tipos de membros (Segmentos)." Suponha que ocê deseje examinar quais produtos os membros Ouro e Prata compraram com cartão de crédito. Você não se importa necessariamente por detalhamentos por tipo de membro indiidual; deseja saber somente os produtos que são comprados pelos membros Ouro e Prata coletiamente. Para concluir essa filtragem, ocê inclui a dimensão Tipo de Membro como o segmento do relatório. Nas propriedades do segmento Tipo de Membro, inclua os alores Gold e Siler na lista de desbloqueio. Para incluir um segmento: 1. No Construtor de Relatório, clique em <Incluir Segmento. 2. Selecione o nome da dimensão e clique em Selecionar. A dimensão é incluída como um segmento no relatório. 3. Por padrão, o segmento filtra para incluir todos os alores no relatório. a. Para selecionar alores específicos pelos quais filtrar, clique no menu suspenso ao lado do nome da dimensão no relatório. Selecione Filtro. b. Consulte o Filtragem de Dimensão na página O relatório é filtrado para exibir somente os dados aplicáeis aos alores de dimensão selecionados. Para selecionar um interalo de data a ser aplicado ao relatório, clique no interalo de data indicado na barra de ferramentas. O Seletor de Data é aberto. 134 IBM Tealeaf cximpact: Guia de Relatório do Tealeaf

143 Figura 83. Seletor de Data no Seletor de Data, é possíel selecionar uma data única ou um interalo de datas para incluir no relatório. Para selecionar uma data única, clique-a e clique em Aplicar. Para selecionar um interalo de datas, clique na data de início e, em seguida, pressione SHIFT e clique na data de encerramento. Clique em Aplicar. Para selecionar os interalos de data que se estendem desde a data de hoje, faça uma seleção na lista suspensa Seleção Rápida. O interalo de Seleção Rápida é aplicado ao interalo de Foco ou ao interalo de Comparação, dependendo de qual ocê estier configurando no momento. Comparar Interalo É possíel comparar o interalo de data selecionado para outro interalo. Nota: Funções podem ser aplicadas somente ao interalo em Foco. Quando uma função for incluída em um relatório, não poderá configurar um interalo de Comparação para o relatório. Para definir um interalo de comparação: 1. Configure o interalo de data de base. 2. Clique na caixa de seleção Comparar ao Interalo de Data. 3. Configure o interalo de comparação, indicado por destaque amarelo. Nota: Ao comparar mais de um mês de dados, as dimensões a seguir não funcionam na comparação: Dia do ano Mês Nome do mês Trimestre iniciando Semana Day and Hour e Hora do Dia podem mostrar dados confusos ou incompletos se o olume de dados retido para dados de hora em hora for menor que o interalo de data selecionado. Sobreposições entre o interalo em Foco e o interalo de Comparação são destacadas em erde. Capítulo 3. Construtor de Relatório do Tealeaf 135

144 Nota: O interalo de Comparação dee ter o mesmo número de dias em comprimento que o interalo em Foco. No exemplo a seguir, o interalo em foco é comparado à semana anterior: Figura 84. Seletor de Data - Interalo de Comparação Abaixo, é possíel er os resultados do interalo em foco e do interalo de comparação no relatório exibido para o eento de Contagem de Ocorrências. Figura 85. Exemplo de Interalo de Comparação As barras laranjas indicam os dados para o interalo em foco, enquanto que as barras azuis indicam o os dados do interalo de comparação. 136 IBM Tealeaf cximpact: Guia de Relatório do Tealeaf Na tabela detalhada, os dados para o interalo de comparação são inseridos na coluna da extrema direita.

145 Janela Gráfico Efeitos de Exibição Se ocê incluir um interalo de comparação e também uma dimensão de tempo como o eixo x, o interalo será limitado ao interalo em foco. Para gráficos de barras, os dados do interalo de comparação são exibidos em paralelo aos dados do interalo em foco. Lembre-se de que o interalo exibido é baseado no interalo do foco. Esses efeitos de exibição não se aplicam às dimensões da lista de alores. Quaisquer alores exibidos em um interalo e não no outro interalo são preenchidos com zeros. Os pontos de dados do interalo de comparação incluídos são para as datas que correspondem ao interalo em foco. Se o eixo X incluir unidades de horas, os dados em foco e de comparação incluem os dados para a mesma hora do dia em foco e de comparação. Por exemplo, 0h a 1h de um dia em foco é mapeada para 0h a 1h de um dia de comparação. Se o interalo de comparação for maior que o interalo em foco, os dados extras são descartados. Se ocê incluir uma dimensão do eixo x diferente de horário, todos os dados nos interalos em foco e de comparação serão aaliados e comparados. Sempre que possíel, um relatório configurado é exibido no formato gráfico na janela Gráfico. Por padrão, Hora do Dia é o eixo X padrão. Etiquetas de gráfico longas podem ser truncadas. É possíel alterar etiquetas na tela Opções. Consulte o Opções de Relatório na página 144. Nota: É possíel criar um gráfico para qualquer relatório que contém um ou zero dimensões. Gráficos multidimensionais não são suportados atualmente. Capítulo 3. Construtor de Relatório do Tealeaf 137

146 Figura 86. Janela Gráfico - Tipo de Barra Vertical Descrição do Gráfico Abaixo do gráfico, é possíel inserir uma descrição do gráfico, que também é exibido em ersões exportadas. Para inserir uma descrição do gráfico, clique na caixa de texto abaixo do gráfico. Insira sua descrição e clique em Aplicar. Para salar as mudanças em seu gráfico, clique no ícone Salar ( ) na barra de ferramentas. Tipos de Gráfico Relatórios podem ser exibidos em um dos tipos de formatos a seguir. Barra Vertical: Relatório é exibido em um gráfico de barras erticais. Esse é o formato padrão. Barra Horizontal: Relatório é exibido em um gráfico de barras horizontais. Linha: Relatório é exibido como um gráfico de linhas orientado erticalmente. Área: Relatório é exibido como um gráfico de áreas sombreadas. Pizza: Relatório é exibido em formato de gráfico pizza. O tipo de relatório pode ser selecionado na Barra de Ferramentas. Consulte o Barra de Ferramentas na página 114. Dados do Eento em Gráficos Estas informações descreem os ários tipos de dados do eento. Preenchimento com Zeros O preenchimento com zeros é usado para eitar lacunas em relatórios. Os dados do relatório podem ser relatados como um conjunto de zeros (0) se uma dimensão 138 IBM Tealeaf cximpact: Guia de Relatório do Tealeaf

147 baseada em tempo for incluída no relatório e os dados não estierem disponíeis para alguns segmentos de tempo exibidos. Para alores nulos de dimensão que são preenchidos com zeros, dois traços (--) são inseridos no relatório. Contagens desses alores são relatadas como 0. Eentos e Registros de Data e Hora Ocorrências são aaliadas com relação ao conjunto atual de eentos no momento da aaliação. Se as ocorrências estierem em spool ou não forem processadas imediatamente, pode haer efeitos nos relatórios se forem feitas mudanças em objetos relacionados a eentos no ínterim. Uma mensagem é relatada no Portal. Consulte o Relatório está atrasado deido ao desempenho do sistema na página 155. Para obter informações adicionais, consulte "Gerenciador de Eentos do Tealeaf" no Manual do Gerenciador de Eentos do IBM Tealeaf. Cálculos de Resumo Na parte inferior do relatório, é possíel reisar os cálculos de resumo para os dados da tabela exibida. Nota: Valores total e médio são calculados somente se o eento for configurado para exibir dados de contagem ou de soma. Esses cálculos de resumo não estão disponíeis para outros tipos de dados de eentos ou funções incluídas (por exemplo, média de mesmo dia). Os cálculos exibidos são baseados nos dados disponíeis na tabela detalhada, que reflete o relatório atualmente exibido. Para reisar as sessões que compreendem o total, clique no link na linha Totais. Consulte o Procuras de Drill Down na página 143. O cálculo de Totais é a soma dos alores para esse eento. Se o tipo de dados for Contagem, é a soma das contagens do eento. Se o tipo de dados for Soma, é a soma dos montantes do eento. O cálculo Médio aria de acordo com o interalo em foco. Se o período em foco for um dia, os cálculos exibidos são médias de hora em hora. Se o período em foco for mais de um dia, os cálculos exibidos são médias diárias. Dimensões aplicadas não têm nenhum efeito se o cálculo é de hora em hora. O tipo de cálculo depende somente do período em foco. Por exemplo, se o período em foco contier dois dias e o eixo X for de hora em hora por causa de uma dimensão aplicada, o cálculo médio ainda será Média Diária porque o período em foco é mais de um dia. Se a dimensão exibir os alores de N Superiores, então os cálculos de resumo fatoram somente as contagens ou somas de eentos para os alores de dimensão de N Superiores. Nota: A média relatada na parte inferior do relatório difere da função média que pode ser aplicada por meio do menu de contexto para o eento. Essa função média é uma média roláel ao longo do interalo que é especificado para a função. Consulte o interalos de Períodos de Função na página 125. Capítulo 3. Construtor de Relatório do Tealeaf 139

148 Efeito de Dimensões do eixo X em Relatórios Por padrão, etiquetas para dimensões em cada eixo estão azias. Para especificar uma etiqueta, clique em Opções. Consulte o Opções de Relatório na página 144. Nota: Para propósitos de exibição, etiquetas do gráfico para alores dimensionais longos podem ser cortados. Para er o alor original, moa o mouse sobre a etiqueta para exibir a dica de ferramenta. Nota: Diersas dimensões no eixo X não são colocadas em gráfico. Gráfico: Gráficos de Barras Cada primeiro alor dimensão do eixo x se torna uma unidade principal no eixo x. Em gráficos, nenhuma segunda dimensão de eixo x é permitida. Cada eento obtém uma barra dentro da unidade secundária. A altura da barra é a contagem, soma e assim por diante. Gráficos de Linhas/Áreas Sombreadas - Cada segmento de dimensão de cada eento obtém uma linha separada. Pizza - Não é possíel ter as dimensões do eixo X em um gráfico pizza. Tabela: A primeira dimensão do eixo X se torna a primeira coluna. Cada alor de dimensão obtém uma linha. A segunda dimensão do eixo X se torna a segunda coluna. Cada alor de dimensão obtém uma linha para cada alor de dimensão na primeira dimensão do eixo X. A dimensão do eixo Y é listada em seguida. Cada eento obtém uma coluna. Eentos são listados na ordem em que eles são incluídos no relatório. Cada linha dee ter o alor total para essa combinação de dimensão. A primeira linha dee ser o alor total para todos os alores dimensionais. Por exemplo, amos supor que ocê tenha o eento Preço armazenado como a seguir no DB: Tabela 11. Efeito de Dimensões do eixo X em Relatórios Tipo de Cartão de Crédito Produto Preço Membro Bronze Amex Aião 72 Bronze Disc Aião 63 Gold Amex Carro 24 Gold Visa Barco 73 Gold Visa Carro 32 Siler Amex Barco 43 Se ocê incluir eentos no relatório, configure a Contagem de Dados para ser Soma e torne Tipo de Membro e Cartão de Crédito as dimensões do eixo X, a tabela é semelhante a: 140 IBM Tealeaf cximpact: Guia de Relatório do Tealeaf

149 Tabela 12. Efeito de Dimensões do eixo X em Relatórios Tipo de Cartão de Crédito Preço Membro Bronze Amex 72 Bronze Disc 63 Gold Amex 24 Gold Visa 105 Siler Amex 43 Há somente duas linhas Gold, enquanto haia três no banco de dados. Isso ocorre porque as duas linhas Gold+Visa no DB são combinadas (73+32=105), pois não há mais o tipo de produto para diferenciá-las. Agora suponhamos que ocê tenha outro eento que controla o Seguro. É semelhante ao seguinte. Tabela 13. Efeito de Dimensões do eixo X em Relatórios Tipo de Cartão de Crédito Produto Seguro Membro Bronze Amex Aião 25 Bronze Visa Carro 15 Gold Amex Carro 15 Gold Disc Barco 20 Gold Visa Aião 25 Siler Visa Carro 15 Se incluir esse eento no relatório, obterá a tabela a seguir: Tabela 14. Efeito de Dimensões do eixo X em Relatórios Tipo de Cartão de Crédito Preço Seguro Membro Bronze Amex Bronze Disc 63 - Bronze Visa - 15 Gold Amex Gold Disc - 20 Gold Visa Siler Amex 43 - Siler Visa - 15 Há mais linhas do que o que é exibido no primeiro cenário. Isso ocorre porque o eento Seguro tinha alores diferentes de Cartão de Crédito para cada Tipo de Membro do Eento Preço. Portanto, a tabela de relatório é como a união de duas tabelas de dados. Capítulo 3. Construtor de Relatório do Tealeaf 141

150 Efeito de Dimensões do Eixo Y em Relatórios Por padrão, etiquetas para dimensões em cada eixo estão azias. Para especificar uma etiqueta, clique em Opções. Consulte o Opções de Relatório na página 144. A inclusão de uma dimensão no eixo Y pode ser usada para criar um relatório de dados empilhados. Nota: Diersas dimensões no eixo Y não são colocadas em gráfico. Figura 87. Efeito de incluir dimensões no eixo Y em gráfico de área sombreada Gráfico: Gráficos de Barras - ocê obtém barras empilhadas, com cada elemento da pilha sendo o segmento de dimensão. Gráficos de Linhas/Áreas Sombreadas - Cada segmento de dimensão obtém uma linha. 142 IBM Tealeaf cximpact: Guia de Relatório do Tealeaf

151 Pizza - Os alores de dimensão formam as fatias da pizza. Tabela: Os alores de dimensão do eixo Y obtém, cada um, uma coluna após as dimensões do eixo X. Por exemplo, suponhamos que ocê defina o Tipo de Membro como a primeira dimensão do eixo X, Cartão de Crédito como a segunda dimensão do eixo X e Produto como a dimensão do eixo Y. Você obteria a tabela a seguir: Tabela 15. Efeito de Dimensões do Eixo Y em Relatórios. Tipo de Membro Cartão de Crédito Barco Carro Aião Bronze Amex Bronze Disc Gold Amex Gold Visa Gold Visa Siler Amex Legenda Se ocê incluir uma dimensão do eixo Y que contenha muitos alores, não posicioner a legenda do gráfico na parte superior, o que pode corromper a exibição. Se o relatório contier muitos itens, alguns alores não podem ser exibidas na Legenda. Consulte o Opções de Relatório na página 144. Efeitos de Dimensões em Proporções Se ocê incluir uma proporção no relatório, quaisquer dimensões selecionadas são aplicadas tanto ao numerador quanto ao denominador. Por exemplo, se ocê deseja er um relatório da taxa de conersão, especifica o eento numerador para ser um eento Checkout Concluído e o denominador para ser um eento de Checkout Iniciado. Para reisar a taxa de conersão por Tipo de Membro, cada alor Tipo de Membro é aplicado tanto ao numerador quanto ao denominador ao mesmo tempo. Procuras de Drill Down Ao clicar em um hiperlink na tabela de relatório, a consulta de procura correspondente será executada para retornar o conjunto de sessões sobre o qual os dados foram calculados. O Portal conclui a procura de sessões que contêm os dados especificados dentro do prazo listado. Nota: Procuras drill down de sessões correspondentes são concluídas no fuso horário do sistema Tealeaf. Elas não são concluídas no fuso horário do usuário. Procurar Mensagens O número de sessões que são recuperadas durante drill down da procura pode diferir do número listado no relatório para o período de relatório correspondente. Capítulo 3. Construtor de Relatório do Tealeaf 143

152 Opções de Relatório Uma ou mais das mensagens a seguir podem ser exibidas na lista de sessão, indicando discrepâncias entre as contagens de sessões no relatório e na lista de sessões. Mensagem Descrição Os dados de origem estão configurados para todas as ocorrências. O eento de origem está configurada para relatar todas as ocorrências, o que pode diferir do número de sessões correspondentes. The Search Occurrence and Report Occurrence properties for the source data do not match Na definições de objetos, as ocorrências de procura configuradas para registro são diferentes das ocorrências para registrar para relatório. The source data uses the eent alue and not the eent count O relatório está usando alores de eento, em ez de contagens de eentos, que são improáeis de corresponder à contagem de sessões retornada. The source data uses a data function Uma função de dados é aplicada aos dados de origem, o que não é aplicáel na procura. Limitações de Procuras Drill Down Links de drill down estão disponíeis para relatórios com até 30 alores na lista de desbloqueio ou na lista de bloqueio em segmentos. Links de drill down não estão disponíeis quando a filtragem de N Superiores é aplicada a dimensões de eixo x ou de eixo y. Drill downs na linha Totais não são suportados para relatórios filtrados por N Superiores. Consulte o Filtragem de Dimensões N Superiores na página 132. Drill downs não são permitidos em alores de dimensões nulos ([Null]). Drill downs em relatórios que usam proporções não são suportados. Drill downs na linha Totais para Gráficos Pizza são desatiados quando somente elementos são incluídos no relatório. Procuras por drill down em dados de proporção na grade da tabela não são permitidas. Para o relatório atualmente exibido, é possíel configurar um conjunto de opções de exibição. Consulte o Guia Exibição na página 145. Consulte o Guia Aançado na página 147. Consulte o Guia Ordem do Item de Dados na página 148. Consulte o Guia de Segurança na página 148. Para aplicar as mudanças, clique em Aplicar. A exibição do gráfico é atualizada. Para cancelar as mudanças, clique em Cancelar. 144 IBM Tealeaf cximpact: Guia de Relatório do Tealeaf

153 Guia Exibição Figura 88. Guia Exibição Configuração Descrição Título do relatório Título do relatório Nota: Esse alor também é o nome do relatório quando ele é salo. Se ocê alterar o Título do Relatório e, em seguida, salar o relatório, terá renomeado-o. Série do gráfico empilhado (barras) Empilhe dados de série no gráfico em barras. Capítulo 3. Construtor de Relatório do Tealeaf 145

154 O zoom automático do relatório está desatiado quando essa opção está selecionada. Para dimensionar a pilha como porcentagens relatias, clique na caixa de seleção. Nota: Barras e gráficos não podem ser empilhados juntos e, portanto, são opções independentes. Selecionando uma opção de empilhamento quando nenhum dado de relatório está configurado com essa opção de exibição resulta em nenhuma mudança do relatório. Série do gráfico empilhado (áreas sombreadas) Empilhe dados de série no gráfico em áreas sombreadas; O zoom automático do relatório está desatiado quando essa opção está selecionada. Para dimensionar a pilha como porcentagens relatias, clique na caixa de seleção. Nota: Barras e gráficos não podem ser empilhados juntos e, portanto, são opções independentes. Selecionando uma opção de empilhamento quando nenhum dado de relatório está configurado com essa opção de exibição resulta em nenhuma mudança do relatório. Classificação dos dados É possíel optar por classificar a exibição por alores de dimensão ou alores na série de dados, na ordem crescente ou decrescente. Na tabela de dados, esses alores classificados são exibidos como colunas da esquerda para a direita. Legenda É possíel selecionar o local para onde a legenda é exibida. Eixo X Eixo Y Selecione essa caixa de opção para exibir os dados configurados ao longo do eixo X da exibição. Opções: Label - Insira uma etiqueta de texto para o eixo X. Text Angle - Para exibir o texto em um ângulo, digite um alor em graus no qual exibir o texto. Valores positios exibem texto em um aclie acima do horizontal. Prune Labels - Quando selecionado, as etiquetas são remoidas para se ajustarem ao espaço disponíel. Selecione essa caixa de opção para exibir os dados configurados ao longo do eixo Y da exibição. Opções: Label - Insira uma etiqueta de texto para o eixo Y. Scale - Selecione a escala para os dados do eixo Y. É possíel optar por exibir dados em escala Actual ou na escala de zoom selecionada. Auto-zoom - Quando Enable, o gráfico tem zoom aplicado automaticamente para melhor representar os dados exibidos. Para obter informações adicionais sobre zoom automático, moa o mouse sobre o ícone Ajuda. 146 IBM Tealeaf cximpact: Guia de Relatório do Tealeaf

155 Guia Aançado Figura 89. Guia Aançado Na guia Aançado, é possíel configurar a exibição do eixo Y para ficar do lado esquerdo ou do lado direito do gráfico. As opções de customização a seguir estão disponíeis: Configuração Descrição Eixo Y (alternatio) Quando atiado, essas configurações são aplicadas ao eixo Y do lado direito do gráfico, que é útil para plotar elementos que têm diferentes escalas de dimensionamento. Unidades Insira uma etiqueta de exibição para as unidades. Por padrão, esse alor é deixado em branco. Escala Selecione a escala para os dados do eixo Y. É possíel optar por exibir dados em escala Actual ou na escala de zoom selecionada. Zoom automático Quando Enabled, o gráfico tem zoom aplicado automaticamente para melhor representar os dados exibidos. Para obter informações adicionais sobre zoom automático, clique no ícone Ajuda. Capítulo 3. Construtor de Relatório do Tealeaf 147

156 Métricas Reise a lista de eentos exibidos. Guia Ordem do Item de Dados Se ocê incluir diersos eentos e proporções em seu relatório, será possíel alterar a ordem na qual eles estão listados no painel esquerdo e na exibição principal. Figura 90. Guia Ordem do Item de Dados No diálogo, os itens no relatório são listados na ordem de exibição atual. Para moer um item na ordem de exibição, selecione-o e clique na seta Para Cima ou Para Baixo. Para aplicar suas mudanças no relatório, clique em Aplicar. Para cancelar as mudanças, clique em Cancelar. Guia de Segurança Na guia de Segurança, é possíel selecionar os usuários e grupos que podem isualizar e editar o relatório atual. Para configurar o acesso, selecione os grupos de usuários apropriados no painel esquerdo ou direito e clique em Aplicar. Para cancelar as mudanças, clique em Cancelar. 148 IBM Tealeaf cximpact: Guia de Relatório do Tealeaf

157 Figura 91. Guia de Segurança No painel esquerdo, é possíel configurar os administradores do relatório por grupo de usuários disponíel. Os administradores de relatórios têm todas as permissões disponíeis para usuários especificados do relatório. Nota: Se um grupo de usuários receber acesso de administrador, o acesso no níel do usuário é concedido automaticamente ao grupo de usuários, embora esse acesso não será exibido isielmente na janela. Os administradores de relatórios podem editar e excluir o relatório. Os membros dos grupos Admin e {cxview Admin}} são administradores para todos os relatórios no sistema. No painel direito, é possíel configurar os usuários do relatório por grupo de usuários disponíel. Os usuários do relatório podem er o relatório, alterar parâmetros, exportá-lo e sala-o com um noo nome. Também é possíel alterar permissões de acesso ao relatório por meio do Gerenciador de Relatório. Consulte "Gerenciador de Relatório" no Guia de Relatório do IBM Tealeaf. Salando É possíel salar o relatório a qualquer momento sob seu nome atual ou sob um noo nome, se ocê não tier permissões de graação no relatório. Nota: Apenas os usuários do Tealeaf que são designados como administradores do relatório podem salar alterações nele. Qualquer usuário que possa er o relatório Capítulo 3. Construtor de Relatório do Tealeaf 149

158 pode salá-lo sob um nome diferente e editar a noa ersão. Essas duas ersões do relatório podem causar confusão entre os usuários. Nota: Quando ocê sala um relatório, está salando o estado atual do relatório. Se um nome não for explicitamente fornecido, o nome do relatório será alterado se os eentos de origem e dimensões forem renomeados. Consulte "Tealeaf Eent Manager" no Manual do IBM Tealeaf Eent Manager. Salar Relatório É possíel salar o relatório atual no seridor. Para salar o relatório, clique no ícone Salar Relatório na barra de ferramentas. Insira um nome para o relatório e clique em Salar. Salar Relatório Como Para salar um relatório com um nome diferente, clique no ícone Salar Relatório como na barra de ferramentas. Insira o noo nome e clique em Salar. Nota: Todas as etiquetas de relatório que fizeram parte do relatório original não são salas na noa ersão, que contém o conjunto padrão de etiquetas de relatório. O comando Salar Relatório como é útil para salar uma ersão compartilhada de um relatório que ocê deseja controlar. Incluir no Painel É possíel incluir o relatório atualmente exibido em um painel. Para incluí-lo, clique no ícone Incluir no Painel na barra de ferramentas. O diálogo Incluir no Painel será exibida. É possíel incluir relatórios em painéis aos quais ocê tem acesso. Nota: É possíel incluir gráficos de relatórios em painéis somente se o relatório puder ser colocado em gráfico. Consulte o Janela Gráfico na página IBM Tealeaf cximpact: Guia de Relatório do Tealeaf

159 Figura 92. Incluir no Painel Propriedade Descrição Título É possíel editar o título exibido no painel sem alterar o título do relatório. Tamanho Defina o tamanho do relatório como será exibido no painel. Esses alores são blocos de grade, que são refletidos na imagem à direita dos parâmetros de dimensionamento. Cor Especifique a cor base do relatório. Atualizações É possíel configurar com que frequência o relatório de painel consulta se há informações atualizadas no relatório salo. Nota: Se o relatório que está incluindo no painel fizer referência a dados somente de sessões concluídas, configurar um interalo de atualização para mais frequente do que o interalo no qual o processo de coleta de dados é executado não é útil. Por padrão, a coleta de dados ocorre a cada cinco minutes; neste caso, as atualizações do relatório não deem ocorrer mais frequentemente do que um interalo de cinco minutos para relatórios que contêm somente dados de sessão concluída. Se o relatório fizer referência a dados de sessões atias, é possíel configurar o interalo de atualização para que seja mais frequente do que a cada cinco minutos. Dependendo do relatório configurado e do número de relatórios no painel, pode haer impactos de desempenho. Exibição Selecione o componente do relatório para exibir no painel: Chart ou Table. É possíel incluir ambos como componentes separados no mesmo painel. Capítulo 3. Construtor de Relatório do Tealeaf 151

160 Importação/Exportação Período Selecione o período de dados a ser exibido no painel. As datas que não contêm dados são preenchidas com zeros. Drill down Quando Enabled, os usuários do painel podem fazer drill down nos dados do painel para reisar o relatório subjacente. Guia de destino Para selecionar o painel e sua guia na qual incluir o relatório, clique em <Selecionar uma Guia. Selecione o painel e a guia na qual incluir o relatório. Consulte "Configurando Painéis" no Manual do Usuário do IBM Tealeaf cxview. Para obter informações adicionais sobre as propriedades, consulte "Configurando Painéis" no Manual do Usuário do IBM Tealeaf cxview. Estas informações descreem as árias tarefas que estão relacionadas à importação e exportação de relatórios no Tealeaf. Planejamentos de Relatório No diálogo Relatório de Planejamento, é possíel configurar uma captura instantânea de qualquer relatório em um horário ou em horários especificados para entrega para endereços de listados. Para obter informações adicionais sobre como configurar as permissões de acesso para relatórios, consulte "Permissões de Acesso do Relatório" no Manual de Administração do IBM Tealeaf cximpact. 152 IBM Tealeaf cximpact: Guia de Relatório do Tealeaf

161 Figura 93. Relatório de Planejamento Para planejar um relatório: Nota: Para configurar e entregar as capturas instantâneas de relatórios a partir do Portal, ocê dee inserir um endereço de álido para sua conta de usuário. Consulte "Minhas Configurações" no Manual do Usuário do IBM Tealeaf cximpact. 1. Geral: Configure as propriedades gerais a seguir: a. Para atiar o planejamento do relatório, clique na caixa de seleção Atio na parte superior da janela. Para desatiar, limpe essa caixa de seleção. b. No campo Descrição, insira um nome significatio para o planejamento. Essa descrição está disponíel para usuários que estão procurando configurar capturas instantâneas. Consulte "Gerenciador de Relatório" no Guia de Relatório do IBM Tealeaf. 2. Planejamento: Para configurar o planejamento: a. Selecione o interalo do planejamento : Daily, Weekly, oumonthly. Dependendo da sua seleção, as opções a seguir estão disponíeis: Diário: Selecione o dia ou dias da semana em que ocê deseja que o relatório seja executado. Semanal: Relatórios semanais podem ser executados somente uma ez por semana. Mensal: No lista suspensa, selecione o dia do mês quando o relatório for executado. b. Selecione a hora do dia quando o relatório for executado. Capítulo 3. Construtor de Relatório do Tealeaf 153

162 c. O tempo de execução é relatio ao fuso horário selecionado. Por padrão, os relatórios são executados no horário GMT. Para executar no horário configurado para um fuso horário diferente, clique no link Fuso Horário. Selecione o noo Fuso Horário e, em seguida, clique em Selecionar. d. Por padrão, um relatório executado inclui dados do dia quando o relatório foi executado. Para eniar dados de um dia diferente, insira na caixa de texto Deslocamento de Dia em Foco o número de dias antes da data de execução do relatório a partir da qual extrair dados para o relatório. Por exemplo, se ocê estier gerando um relatório à 1h da manhã, é possíel relatar sobre dados do dia anterior. O Deslocamento de Dia em Foco dee ser configurado para 1. e. Para entregar o relatório em um idioma diferente, selecione um dos idiomas disponíeis na lista suspensa Idioma. 3. Destinatários: Na lista de destinatários, é possíel configurar a lista de usuários ou aliases de para quem eniar o relatório. Separe diersos endereços por uma írgula (,). 4. Opções: Para alterar o relatório a eniar, clique no link Relatório. Selecione um dos relatórios salos aos quais ocê tem acesso no Seletor de Relatório. Clique em Selecionar. a. É possíel eniar o relatório em PDF ou HTML legíel no Excel ou em ambos. 5. Para salar o relatório conforme configurado, clique em Salar. 6. A captura instantânea de relatório é executada de acordo com o planejamento configurado e entregue imediatamente aos endereços de listados. Os administradores do Tealeaf podem planejar a execução de relatórios diários, semanais ou mensais para entrega a usuários selecionados em formato PDF ou Excel. Consulte "Gerenciador de Relatório" no Guia de Relatório do IBM Tealeaf. Exportar É possíel exportar seu relatório configurado para Excel ou PDF. Para exportar: 1. Clique no ícone Exportar Relatório ( ). 2. Selecione o tipo de exportação: Excel - Exporte dados no formato XML legíel no Excel. PDF - Exporte o relatório no formato PDF. - Exporte o relatório e enie-o por . Consulte o Eniar Relatório por . Eniar Relatório por Para eniar um relatório por Nota: Para configurar e entregar as capturas instantâneas de relatórios a partir do Portal, ocê dee inserir um endereço de álido para sua conta de usuário. Consulte "Minhas Configurações" no Manual do Usuário do IBM Tealeaf cximpact. 1. Selecione o formato do anexo: 154 IBM Tealeaf cximpact: Guia de Relatório do Tealeaf

163 Send PDF - enie um PDF Send XLS - enie uma planilha Excel 2. Se necessário, é possíel incluir uma Mensagem no Na caixa de texto Destinatários, insira os endereços de ou aliases para quem eniar o relatório. Diersos endereços de deem ser separados por írgulas. 4. Para eniar o relatório, clique em Eniar. Gerenciador de Relatório Modelos de relatório podem ser importados e exportados por meio do Gerenciador de Relatório. Consulte "Importando e Exportando Relatórios" no Manual do Usuário do IBM Tealeaf cxview. Mensagens de Erro Você pode encontrar os erros a seguir no Tealeaf. Relatório está atrasado deido ao desempenho do sistema Quando a mensagem for exibida no Construtor de Relatório, o interalo de dados no relatório atual faz interseção com um período para o qual o seridor de Roteamento Baseado em Funcionamento ou seridores de Processamento estão eniando ocorrências para o spool do disco. Como essas ocorrências estão em spool, elas ainda não foram coletadas e agregadas no banco de dados de relatório. Portanto, os dados relatados a partir desses períodos pode estar incompletos. É possíel reisar as últimas ezes quando os dados da Caixa foram coletados e agregados para relatório. Consulte "Status do Sistema" no Manual de Administração do IBM Tealeaf cximpact. Essa mensagem pode ser ocultada de exibição em relatórios se desejado. Consulte "Configurações do CX" no Manual de Administração do IBM Tealeaf cximpact. Ao usar a funcionalidade Comparar com dimensões, as dimensões com uma lista estática de alores (por exemplo, Dia da Semana) serão comparadas alor a alor Ao comparar dados entre dois períodos enquanto estier usando dimensões não de segmento, a mensagem completa pode ser exibida. Ao usar a funcionalidade Comparar com dimensões, as dimensões com uma lista estática de alores (por exemplo, Dia da Semana) serão comparadas alor por alor, ou seja, segunda-feira (Foco) a segunda-feira (Comparar). Quando dimensões sem a Se ocê incluir dimensões no eixo x ou no eixo y e tier aplicado um período de Comparação, os dados na dimensão determinam como os dados do relatório são exibidos. Dimensões com alores estáticos, como Dia da Semana, são exibidas usando alor indiidual que é comparado a alor indiidual. Dimensões como Dia e Hora não têm alores estáticos. Os alores para essas dimensões são exibidos lado a lado no relatório. Capítulo 3. Construtor de Relatório do Tealeaf 155

164 A consulta de relatório retornou muitas linhas (> 1.000). Filtre ou execute N Superiores em sua solicitação. Para eitar que consultas de banco de dados de runaway que impedem o Seriço de Dados, o Portal, e seu naegador, um limite de linhas de dados retornadas é aplicado a qualquer relatório configurado. Se seu relatório retornar mais de linhas, a mensagem anterior será exibida e os resultados não serão entregues ao seu naegador para exibição. Você dee ajustar a configuração de seu relatório e atualizar os dados. Para corrigir o relatório, é possíel aplicar um filtro dimensional para limitar o interalo de alores relatados ou filtrar as dimensões para exibir um número de alores N Superiores. Agora, nenhum limite é imposto ao número de linhas no relatório, o que significa que o número de eentos, funções e dimensões não são afetados por esse limite. O desempenho do naegador pode ser afetado por resultados que contenham menos de linhas. Quando o desempenho for um fator, ocê dee tentar alterar as características de seu relatório para reduzir o número de linhas de dados. Este relatório usa uma ou mais dimensões cujos alores obserados mais antigos foram cortados. Como resultado, este relatório pode não refletir todos os alores de dimensão obserados originalmente. Para eitar o crescimento de fugitios de alores de dimensão no banco de dados, o Tealeaf impõe o corte automático de alores de dimensão, quando o número de alores que são armazenados no banco de dados excede um limite predefinido. Quando o número de alores que são armazenados para uma dimensão indiidual exceder o limite, os alores de dimensão mais antigos serão remoidos do banco de dados. É possíel configurar esse limite para ser um número alto, o que é útil para as dimensões, como URL (Normalized). Não é possíel desatiar completamente esse recurso. Como parte desse corte de alores de dimensão, todas as instâncias dos alores remoidos serão marcadas como [others], pois o alor não está mais entre o conjunto disponíel. O que ocê pode configurar é se a marcação de alores como [others] é aplicada a todos os dados de relatório armazenados. Nota: A marcação de todos os alores cortados como [others] para uma dimensão é um processo que exige muitos recursos. Dependendo do número de alores que são cortados e do número de relatórios afetados, esse processo pode lear um longo tempo. É possíel optar por não alterar os dados de relatório armazenado para [others]. No entanto, nesse caso, discrepâncias podem ser introduzidas entre as contagens de eentos em um relatório que não está filtrado por uma dimensão e as contagens de eentos no relatório que está filtrado por essa dimensão. Suponhamos que: A Dimensão A contenha os alores Apple e Orange. 156 IBM Tealeaf cximpact: Guia de Relatório do Tealeaf

165 A operação de corte de dados automatizado remoe esses alores da Dimension A. Os dados do relatório não são atualizados para marcar esses alores como [others]. Os alores cortados estão anteriormente registrados com o Eent A. Se ocê criar um relatório no Construtor de Relatório do Tealeaf usando Eent A e não filtrá-lo por nenhuma dimensão, as contagens dos eentos já estarão agregadas. Portanto, os dados do relatório refletem o total de ocorrências de eentos preciso. Se ocê, então, aplicar a Dimension A que está cortada, seu relatório sobre o Eent A não inclui nenhuma contagem registrada quando Apple e Orange foram detectados. Como resultado, essas contagens não podem ser somadas para chegar à contagem do eento pai não filtrado. Essa discrepância nas contagens de relatório pode ser resolida somente quando os dados do relatório são atualizados para marcar alores cortados como [outros]. A opção de se atualizar os dados de relatório para usar o alor [others] é configuráel. Nota: Se ocê não atualizar contagens nos dados de relatório como parte do corte de sua dimensão, essas atualizações não são concluídas se a opção for atiada posteriormente. Consulte "Gerenciamento de Dados para Dimensões" no Manual do Gerenciador de Eentos do IBM Tealeaf. Após reisar os resultados da operação de corte em seus relatórios, é possíel reconfigurar o sinalizador de corte na dimensão de forma que a mensagem do Portal não seja mais exibida quando a dimensão for usada em relatórios. Consulte "Guia Dimensões do TEM" no Manual do IBM Tealeaf Eent Manager. Não há dias de dados suficientes para executar o cálculo conforme especificado deido às configurações de retenção de dados. Os alores abaixo foram calculados usando dados disponíeis. Quando houer dados insuficientes para concluir um cálculo de função, essa mensagem será exibida. Quando aplicadas a contagens de eentos, algumas funções, como uma função de média de rolagem, exigem um número pré-configurado de pontos de dados para concluir o cálculo de forma satisfatória. Dependendo das configurações de retenção de dados que são aplicadas aos dados usados no eento, pode não haer dias de dados suficientes para produzir pontos de dados suficientes necessários para o cálculo. Por exemplo, se ocê estier calculando uma média de Mesmo Dia da Semana, o número padrão de semanas de dados necessário para o cálculo é 4. Se ocê estier retendo somente três semanas de dados por hora em seu sistema, então, não há dados suficientes para concluir o cálculo de acordo com as definições de configuração. Nesses casos, os cálculos são feitos com base nos pontos de dados disponíeis, com quaisquer ajustes feitos para acomodar o conjunto de dados menor. No exemplo Capítulo 3. Construtor de Relatório do Tealeaf 157

166 anterior, a média de Mesmo Dia da Semana é calculada usando três pontos de dados e a mensagem anterior é exibida. O interalo selecionado excede o interalo de dados retidos para dados horários. Os dados retornados podem não ser preenchidos totalmente. Os dados de relatório do Tealeaf são agregados e armazenados por hora e por dia. Os dados mais recentes no sistema são armazenados por hora. À medida que dados têm a idade limite ultrapassada para o interalo de dados de hora em hora especificado, eles serão reagregados e armazenados como dados diários. Dependendo do interalo de data que está selecionado no relatório, os resultados a seguir podem ser obserados: Se o interalo de data do relatório se estender além do corte de dados de hora em hora, o relatório usa dados diários para concluir os interalos de data mais antigos. Se o interalo de data selecionado for álido somente para dados diários e for agrupado usando uma dimensão de tempo de hora em hora (como Hora do Dia ou Day and Hour), então, o relatório não retorna dados porque os dados diários não podem ser diididos por hora. Nota: Por padrão, o Construtor de Relatório usa a dimensão de Hora em Hora para filtrar relatórios com um interalo de data selecionado de um único dia. Se esse filtro for aplicado em relação a uma data única que inclui somente os dados diários, o relatório não conterá dados. No entanto, se ocê configurar um relatório com um interalo de data que inclui dados diários e de hora em hora e está configurado para usar uma dimensão de níel diário, é possíel descobrir que os dias preenchidos com zeros no relatório de hora em hora agora estão preenchidos. Os dados mais antigos no relatório que estão fora do interalo de data de hora em hora são preenchidos pelos dados diários armazenados, enquanto o interalo de data diário que está dentro do interalo de data de hora em hora é preenchido por dados de hora em hora que são agregados de maneira ad hoc para exibição no relatório (enquanto os dados armazenados no banco de dados permanecem no formato de hora em hora). É possíel modificar os interalos de data para retenção de dados de hora em hora e diária. Consulte "Configurações do CX" no Manual de Administração do IBM Tealeaf cximpact. A partir da Liberação 8.7, os interalos de dados de hora em hora e diários são configurados por padrão para exibir os comportamentos anteriores por motios de desempenho. Em liberações anteriores, os interalos de dados de hora em hora e diários sobrepunham do dia atual para trás no tempo até o final do mais curto dos dois interalos. É possíel modificar o método e a frequência de agregação de dados, o que pode afetar o desempenho do sistema. Consulte "Agregação e Retenção de Dados" no Manual de Administração do IBM Tealeaf cximpact. 158 IBM Tealeaf cximpact: Guia de Relatório do Tealeaf

167 Capítulo 4. Gerenciador de Relatório Visão Geral (Oeriew) Por meio do Gerenciador de Relatório, é possíel planejar a execução de eento, dimensão e relatórios Moimentador Superior e gerenciar acesso ao relatório também. Cada usuário do Tealeaf cria relatórios no Construtor de Relatório ou na página Moimentadores Superiores pode gerenciar os seus relatórios no Gerenciador de Relatório. Para acessar o Gerenciador de Relatório, selecione Configurar > Gerenciador de Relatório no Tealeaf Portal. No Gerenciador de Relatório, é possíel gerenciar diersos tipos de relatórios e planejar a execução e a entrega desses relatórios por . Nota: Para configurar e entregar as capturas instantâneas de relatórios a partir do Portal, ocê dee inserir um endereço de álido para sua conta de usuário. Consulte "Minhas Configurações" no Manual do Usuário do IBM Tealeaf cximpact. O acesso à página Gerenciador de Relatório é regido por permissões em sua conta de usuário. Consulte "Administração de usuários do CX" no Manual de administração do IBM Tealeaf cximpact. Relatórios baseados em eentos e baseados em dimensões são configurados no Construtor de Relatório. Consulte o Capítulo 3, Construtor de Relatório do Tealeaf, na página 111. Para obter informações adicionais sobre como configurar as permissões de acesso para relatórios, consulte "Permissões de Acesso do Relatório" no Manual de Administração do IBM Tealeaf cximpact. Relatórios Moimentador Superior contêm os desios em alores que ocê optar por controlar. Para obter mais informações sobre como criar Moimentadores Superiores, consulte a "Guia Moimentadores Superiores do TEM" no Manual do Gerenciador de Eentos do IBM Tealeaf. Para obter informações adicionais sobre como criar relatórios Moimentador Superior, consulte Analisando Moimentadores Superiores na página 47. No Gerenciador de Relatório, é possíel designar etiquetas para seus relatórios. Essas etiquetas são úteis para organizar como os relatórios são exibidos nas ferramentas de construção de relatório. Consulte o Etiquetas de Relatório na página 167. Também é possíel importar e exportar modelos de relatório do Gerenciador de Relatório. Consulte "Importando e Exportando Relatórios" no Manual do Usuário do IBM Tealeaf cxview. Copyright IBM Corp. 1999,

168 Figura 94. Gerenciador de Relatório Tipo de Relatório O Gerenciador de Relatório é diidido em três áreas de janela. Para configurar permissões de relatório ou planejamentos, ocê trabalha da esquerda para a direita na tela. 1. Área de janela esquerda: Selecione o tipo de relatório e se ocê está configurando permissões ou os planejamentos para ele. Consulte o Tipo de Relatório. Para obter informações adicionais sobre como importar e exportar modelos de relatório, consulte "Importando e Exportando Relatórios" no Manual do Usuário do IBM Tealeaf cxview. 2. Área de janela central: Permissões de Relatório: Selecione o tipo de relatório. Selecionar Relatório na página 162 Planejamentos de Relatório: Selecione ou crie um planejamento para um relatório. Planejamentos de Relatório na página Área de janela direita: Permissões de Relatório: Configure permissões de relatório ou exclua o relatório. Propriedades de Relatórios na página 162 Planejamentos de Relatório: Configure o planejamento. Planejamento de Relatório - Guia Geral na página IBM Tealeaf cximpact: Guia de Relatório do Tealeaf

169 Figura 95. Tipo de Relatório Na área de janela à esquerda, é possíel selecionar o tipo de relatório a configurar. Abaixo de cada tipo de relatório estão as opções a seguir: 1. Relatórios: Dependendo do tipo de relatório, é possíel clicar nessa opção para exibir os relatórios disponíeis desse tipo no painel central. Consulte o Selecionar Relatório na página 162. Para obter informações adicionais sobre relatórios do Construtor de Relatório, consulte Capítulo 3, Construtor de Relatório do Tealeaf, na página 111. Para obter informações adicionais sobre como Relatórios Moimentador Superior, consulte Analisando Moimentadores Superiores na página Planejamentos de Relatório: Se ocê selecionar esta opção, os relatórios atualmente disponíeis são exibidos na área de janela central. Consulte o Planejamentos de Relatório na página 164. Capítulo 4. Gerenciador de Relatório 161

IBM Tealeaf cximpact Versão 9 Release 0 12 de junho de 2014. Guia de Relatório do Tealeaf

IBM Tealeaf cximpact Versão 9 Release 0 12 de junho de 2014. Guia de Relatório do Tealeaf IBM Tealeaf cximpact Versão 9 Release 0 12 de junho de 2014 Guia de Relatório do Tealeaf Nota Antes de utilizar estas informações e o produto suportado por elas, leia as informações em Aisos na página

Leia mais

IBM Tealeaf cxreveal Versão 9 Release 0.2 4 de dezembro de 2014. cxreveal: Manual do Usuário

IBM Tealeaf cxreveal Versão 9 Release 0.2 4 de dezembro de 2014. cxreveal: Manual do Usuário IBM Tealeaf cxreeal Versão 9 Release 0.2 4 de dezembro de 2014 cxreeal: Manual do Usuário Nota Antes de utilizar estas informações e o produto suportado por elas, leia as informações em Aisos na página

Leia mais

IBM Tealeaf cxview Versão 9 Release 0 12 de junho de 2014. cxview Manual do Usuário

IBM Tealeaf cxview Versão 9 Release 0 12 de junho de 2014. cxview Manual do Usuário IBM Tealeaf cxview Versão 9 Release 0 12 de junho de 2014 cxview Manual do Usuário Nota Antes de utilizar estas informações e o produto suportado por elas, leia as informações em Aisos na página 101. Esta

Leia mais

IBM Tealeaf CX Mobile Versão 8 Release 8 2 de agosto de 2013. Manual do Usuário do Tealeaf CX Mobile

IBM Tealeaf CX Mobile Versão 8 Release 8 2 de agosto de 2013. Manual do Usuário do Tealeaf CX Mobile IBM Tealeaf CX Mobile Versão 8 Release 8 2 de agosto de 2013 Manual do Usuário do Tealeaf CX Mobile Nota Antes de utilizar estas informações e o produto suportado por elas, leia as informações em Aisos

Leia mais

IBM Tealeaf cximpact Versão 9 Release 0.1 4 de dezembro de 2014. Manual do Usuário do cximpact

IBM Tealeaf cximpact Versão 9 Release 0.1 4 de dezembro de 2014. Manual do Usuário do cximpact IBM Tealeaf cximpact Versão 9 Release 0.1 4 de dezembro de 2014 Manual do Usuário do cximpact Nota Antes de utilizar estas informações e o produto suportado por elas, leia as informações em Aisos na página

Leia mais

IBM emessage Versão 8 Release 5 13 de fevereiro de 2015. Guia do Usuário

IBM emessage Versão 8 Release 5 13 de fevereiro de 2015. Guia do Usuário IBM emessage Versão 8 Release 5 13 de feereiro de 2015 Guia do Usuário Nota Antes de usar essas informações e o produto que elas suportam, leia as informações em Aisos na página 401. Esta edição se aplica

Leia mais

Guia de Instalação do Complemento do IBM Business Process Manager para Microsoft SharePoint

Guia de Instalação do Complemento do IBM Business Process Manager para Microsoft SharePoint IBM Business Process Manager Guia de Instalação do Complemento do IBM Business Process Manager para Microsoft SharePoint Versão 7.5.0 IBM Business Process Manager Guia de Instalação do Complemento do

Leia mais

Guia de Administração de Pagamento de Frete

Guia de Administração de Pagamento de Frete IBM Sterling Transportation Management System Guia de Administração de Pagamento de Frete Data do Documento: 1 de Janeiro de 2013 IBM Sterling Transportation Management System Guia de Administração de

Leia mais

IBM Tealeaf cxverify Versão 9 Release 0.1 4 de dezembro de 2014. Manual de administração do cxverify

IBM Tealeaf cxverify Versão 9 Release 0.1 4 de dezembro de 2014. Manual de administração do cxverify IBM Tealeaf cxverify Versão 9 Release 0.1 4 de dezembro de 2014 Manual de administração do cxverify Nota Antes de utilizar estas informações e o produto suportado por elas, leia as informações em Aisos

Leia mais

IBM emessage Versão 9 Release 0 15 de janeiro de 2013. Notas sobre a Liberação

IBM emessage Versão 9 Release 0 15 de janeiro de 2013. Notas sobre a Liberação IBM emessage Versão 9 Release 0 15 de janeiro de 2013 Notas sobre a Liberação Nota Antes de usar essas informações e o produto que elas suportam, leia as informações em Aisos na página 17. Esta edição

Leia mais

IBM Tealeaf CX Versão 9 Release 0.1 4 de dezembro de 2014. Manual de instalação do IBM Tealeaf CX

IBM Tealeaf CX Versão 9 Release 0.1 4 de dezembro de 2014. Manual de instalação do IBM Tealeaf CX IBM Tealeaf CX Versão 9 Release 0.1 4 de dezembro de 2014 Manual de instalação do IBM Tealeaf CX Nota Antes de utilizar estas informações e o produto suportado por elas, leia as informações em Aisos na

Leia mais

Guia de Iniciação Rápida para Embarcadores

Guia de Iniciação Rápida para Embarcadores IBM Sterling Transportation Management System Guia de Iniciação Rápida para Embarcadores Data do Documento: 1 de Janeiro de 2013 IBM Sterling Transportation Management System Guia de Iniciação Rápida

Leia mais

Logística e Operações: Arquivos de Ajuda Online

Logística e Operações: Arquivos de Ajuda Online IBM WebSphere Commerce Logística e Operações: Arquios de Ajuda Online Versão 5.4 IBM WebSphere Commerce Logística e Operações: Arquios de Ajuda Online Versão 5.4 Nota! Antes de utilizar estas informações

Leia mais

IBM Tealeaf CX RealiTea Viewer Versão 9 Release 0.1 4 de dezembro de 2014. Manual do Client-Side Capture

IBM Tealeaf CX RealiTea Viewer Versão 9 Release 0.1 4 de dezembro de 2014. Manual do Client-Side Capture IBM Tealeaf CX RealiTea Viewer Versão 9 Release 0.1 4 de dezembro de 2014 Manual do Client-Side Capture Nota Antes de utilizar estas informações e o produto suportado por elas, leia as informações em Aisos

Leia mais

IBM Tealeaf CX Versão 9 Release 0.1 4 de dezembro de 2014. Guia do Banco de Dados do Tealeaf

IBM Tealeaf CX Versão 9 Release 0.1 4 de dezembro de 2014. Guia do Banco de Dados do Tealeaf IBM Tealeaf CX Versão 9 Release 0.1 4 de dezembro de 2014 Guia do Banco de Dados do Tealeaf Nota Antes de utilizar estas informações e o produto suportado por elas, leia as informações em Aisos na página

Leia mais

IBM Tealeaf Visualizador RealiTea Versão 9 Release 0 12 de junho de 2014. Manual do Client-Side Capture

IBM Tealeaf Visualizador RealiTea Versão 9 Release 0 12 de junho de 2014. Manual do Client-Side Capture IBM Tealeaf Visualizador RealiTea Versão 9 Release 0 12 de junho de 2014 Manual do Client-Side Capture Nota Antes de utilizar estas informações e o produto suportado por elas, leia as informações em Aisos

Leia mais

IBM Tealeaf CX Passive Capture Application 3680 and 3730 28 de maio, 2015. Notas sobre a Liberação do PCA

IBM Tealeaf CX Passive Capture Application 3680 and 3730 28 de maio, 2015. Notas sobre a Liberação do PCA IBM Tealeaf CX Passie Capture Application 3680 and 3730 28 de maio, 2015 Notas sobre a Liberação do PCA Nota Antes de utilizar estas informações e o produto suportado por elas, leia as informações em Aisos

Leia mais

IBM Systems Director 6.2 Service and Support Manager (Electronic Service Agent)

IBM Systems Director 6.2 Service and Support Manager (Electronic Service Agent) IBM Systems IBM Systems Director 6.2 Serice and Support Manager (Electronic Serice Agent) Versão 6.2 IBM Systems IBM Systems Director 6.2 Serice and Support Manager (Electronic Serice Agent) Versão 6.2

Leia mais

Marketing: Arquivos de Ajuda Online Versão 5.1

Marketing: Arquivos de Ajuda Online Versão 5.1 IBM WebSphere Commerce Marketing: Arquios de Ajuda Online Versão 5.1 Versão 5.4 IBM WebSphere Commerce Marketing: Arquios de Ajuda Online Versão 5.1 Versão 5.4 Nota! Antes de utilizar estas informações

Leia mais

IBM Tealeaf CX Versão 9 Release 0 12 de junho de 2014. Manual de Instalação do Tealeaf CX

IBM Tealeaf CX Versão 9 Release 0 12 de junho de 2014. Manual de Instalação do Tealeaf CX IBM Tealeaf CX Versão 9 Release 0 12 de junho de 2014 Manual de Instalação do Tealeaf CX Nota Antes de utilizar estas informações e o produto suportado por elas, leia as informações em Aisos na página

Leia mais

IBM Tealeaf Customer Experience 9.0.1 e 9.0.1A Enhanced International Character Support (EICS) - Notas sobre a Liberação

IBM Tealeaf Customer Experience 9.0.1 e 9.0.1A Enhanced International Character Support (EICS) - Notas sobre a Liberação IBM Tealeaf Customer Experience Versão 9 Release 0.1 4 de dezembro de 2014 IBM Tealeaf Customer Experience 9.0.1 e 9.0.1A Enhanced International Character Support (EICS) - Notas sobre a Liberação Nota

Leia mais

Guia de Instalação do Complemento do IBM Business Process Manager para Microsoft Office

Guia de Instalação do Complemento do IBM Business Process Manager para Microsoft Office IBM Business Process Manager Guia de Instalação do Complemento do IBM Business Process Manager para Microsoft Office Versão 7.5.0 IBM Business Process Manager Guia de Instalação do Complemento do IBM

Leia mais

IBM Campaign Versão 9 Release 1 Abril de 2014. Guia do Usuário

IBM Campaign Versão 9 Release 1 Abril de 2014. Guia do Usuário IBM Campaign Versão 9 Release 1 Abril de 2014 Guia do Usuário Obseração Antes de utilizar estas informações e o produto suportado por elas, leia as informações em Aisos na página 263. Esta edição se aplica

Leia mais

IBM Marketing Operations Versão 9 Release 1 25 de outubro de 2013. Guia do Usuário

IBM Marketing Operations Versão 9 Release 1 25 de outubro de 2013. Guia do Usuário IBM Marketing Operations Versão 9 Release 1 25 de outubro de 2013 Guia do Usuário Obseração Antes de usar estas informações e o produto que elas suportam, leia as informações em Aisos na página 223. Esta

Leia mais

Guia do Usuário do IBM Campaign Versão 9 Release 1.1 18 de fevereiro de 2015

Guia do Usuário do IBM Campaign Versão 9 Release 1.1 18 de fevereiro de 2015 Guia do Usuário do IBM Campaign Versão 9 Release 1.1 18 de feereiro de 2015 Nota Antes de usar estas informações e o produto suportado por elas, leia as informações em Aisos na página 261. Esta edição

Leia mais

IBM SmartCloud inotes. IBM SmartCloud inotes Guia do Usuário

IBM SmartCloud inotes. IBM SmartCloud inotes Guia do Usuário IBM SmartCloud inotes IBM SmartCloud inotes Guia do Usuário IBM SmartCloud inotes IBM SmartCloud inotes Guia do Usuário Nota Antes de utilizar estas informações e o produto suportado por elas, leia as

Leia mais

IBM SPSS Modeler Advantage Enterprise Marketing Management Edition Versão 8 Release 0 25 de outubro de 2013. Guia de Instalação

IBM SPSS Modeler Advantage Enterprise Marketing Management Edition Versão 8 Release 0 25 de outubro de 2013. Guia de Instalação IBM SPSS Modeler Adantage Enterprise Marketing Management Edition Versão 8 Release 0 25 de outubro de 2013. Guia de Instalação Obseração Antes de utilizar estas informações e o produto suportado por elas,

Leia mais

Guia de Configuração do Embarcador

Guia de Configuração do Embarcador IBM Sterling Transportation Management System Guia de Configuração do Embarcador Data do Documento: 13 de Abril de 2013 IBM Sterling Transportation Management System Guia de Configuração do Embarcador

Leia mais

IBM Cognos Express Versão 10.1.0. Introdução ao IBM Cognos Express

IBM Cognos Express Versão 10.1.0. Introdução ao IBM Cognos Express IBM Cognos Express Versão 10.1.0 Introdução ao IBM Cognos Express Nota Antes de usar estas informações e o produto suportado por elas, leia as informações em Aisos na página 63. Informações do Produto

Leia mais

IBM emessage Versão 9 Release 1.1 26 de novembro de 2014. Notas sobre a liberação

IBM emessage Versão 9 Release 1.1 26 de novembro de 2014. Notas sobre a liberação IBM emessage Versão 9 Release 1.1 26 de noembro de 2014 Notas sobre a liberação Nota Antes de usar essas informações e o produto que elas suportam, leia as informações em Aisos na página 21. Esta edição

Leia mais

Notas sobre o Release

Notas sobre o Release IBM Tioli Monitoring para Transaction Performance Web Transaction Performance Notas sobre o Release Versão 5.1.0 G517-7511-00 IBM Tioli Monitoring para Transaction Performance Web Transaction Performance

Leia mais

Guia de Configuração de Transportadora

Guia de Configuração de Transportadora IBM Sterling Transportation Management System Guia de Configuração de Transportadora Document Date: 13 April 2013 IBM Sterling Transportation Management System Guia de Configuração de Transportadora Document

Leia mais

IBM Cognos Express Versão 10.1.0. Novos Recursos

IBM Cognos Express Versão 10.1.0. Novos Recursos IBM Cognos Express Versão 10.1.0 Noos Recursos Nota Antes de usar estas informações e o produto suportado por elas, leia as informações em Aisos na página 5. Informações do Produto Este documento se aplica

Leia mais

IBM Cúram Social Program Management Versão 6.0.5. Guia do Cúram Social Enterprise Collaboration

IBM Cúram Social Program Management Versão 6.0.5. Guia do Cúram Social Enterprise Collaboration IBM Cúram Social Program Management Versão 6.0.5 Guia do Cúram Social Enterprise Collaboration Nota Antes de usar essas informações e o produto suportado por elas, leia as informações em Aisos na página

Leia mais

Planejando a Instalação

Planejando a Instalação WebSphere IBM WebSphere Process Serer para Multiplataformas Versão 7.0.0 Planejando a Instalação WebSphere IBM WebSphere Process Serer para Multiplataformas Versão 7.0.0 Planejando a Instalação Abril

Leia mais

Guia de Utilização do Microsoft Dynamics CRM (Gestão de Relacionamento com Clientes)

Guia de Utilização do Microsoft Dynamics CRM (Gestão de Relacionamento com Clientes) Guia de Utilização do Microsoft Dynamics CRM (Gestão de Relacionamento com Clientes) 1. Sobre o Microsoft Dynamics CRM - O Microsoft Dynamics CRM permite criar e manter facilmente uma visão clara dos clientes,

Leia mais

15 de Janeiro de 2013. IBM Digital Analytics for Social Media: Guia do Usuário

15 de Janeiro de 2013. IBM Digital Analytics for Social Media: Guia do Usuário 15 de Janeiro de 2013 IBM Digital Analytics for Social Media: Guia do Usuário Obseração Antes de usar estas informações e o produto ao qual ela oferece suporte, leia as informações em Aisos na página 39.

Leia mais

Registration Authority Desktop - Guia do Programa

Registration Authority Desktop - Guia do Programa IBM SecureWay Trust Authority Registration Authority Desktop - Guia do Programa Versão 3 Release 1.2 S517-6879-01 IBM SecureWay Trust Authority Registration Authority Desktop - Guia do Programa Versão

Leia mais

IBM Tealeaf Customer Experience Versão 9 Release 0.1 4 de dezembro de 2014. Glossário

IBM Tealeaf Customer Experience Versão 9 Release 0.1 4 de dezembro de 2014. Glossário IBM Tealeaf Customer Experience Versão 9 Release 0.1 4 de dezembro de 2014 Glossário Nota Antes de utilizar estas informações e o produto suportado por elas, leia as informações em Avisos na página 7.

Leia mais

IBM Tivoli Storage Manager for Virtual Environments Versão 7.1.1. Guia do Usuário do Data Protection for VMware

IBM Tivoli Storage Manager for Virtual Environments Versão 7.1.1. Guia do Usuário do Data Protection for VMware IBM Tioli Storage Manager for Virtual Enironments Versão 7.1.1 Guia do Usuário do Data Protection for VMware IBM Tioli Storage Manager for Virtual Enironments Versão 7.1.1 Guia do Usuário do Data Protection

Leia mais

Versão 21 de Março de 2013. IBM Marketing Center Notas Sobre a Liberação

Versão 21 de Março de 2013. IBM Marketing Center Notas Sobre a Liberação Versão 21 de Março de 2013 IBM Marketing Center Notas Sobre a Liberação Nota Antes de usar essas informações e o produto suportado por elas, leia as informações em Aisos na página 9. A documentação distribuída

Leia mais

IBM Unica Otimizar Versão 8 Release 6 25 de maio de 2012. Guia de Instalação

IBM Unica Otimizar Versão 8 Release 6 25 de maio de 2012. Guia de Instalação IBM Unica Otimizar Versão 8 Release 6 25 de maio de 2012 Guia de Instalação Nota Antes de utilizar estas informações e o produto suportado por elas, leia as informações em Aisos na página 41. Esta edição

Leia mais

TeamViewer 9 Manual Management Console

TeamViewer 9 Manual Management Console TeamViewer 9 Manual Management Console Rev 9.2-07/2014 TeamViewer GmbH Jahnstraße 30 D-73037 Göppingen www.teamviewer.com Sumário 1 Sobre o TeamViewer Management Console... 4 1.1 Sobre o Management Console...

Leia mais

30 de abril de 2012. IBM Coremetrics Social Analytics: Guia do Usuário

30 de abril de 2012. IBM Coremetrics Social Analytics: Guia do Usuário 30 de abril de 2012 IBM Coremetrics Social Analytics: Guia do Usuário Obseração Antes de usar estas informações e o produto ao qual ela oferece suporte, leia as informações em Aisos na página 41. A documentação

Leia mais

IBM Marketing Operations Versão 9 Release 1 15 de maio de 2014. Guia do Fix Pack

IBM Marketing Operations Versão 9 Release 1 15 de maio de 2014. Guia do Fix Pack IBM Marketing Operations Versão 9 Release 1 15 de maio de 2014 Guia do Fix Pack Obseração Antes de utilizar estas informações e o produto que elas suportam, leia as informações em Aisos na página 17. Esta

Leia mais

IBM Unica Plataforma de Marketing Versão 8 Release 6 30 de novembro de 2012. Guia de Instalação

IBM Unica Plataforma de Marketing Versão 8 Release 6 30 de novembro de 2012. Guia de Instalação IBM Unica Plataforma de Marketing Versão 8 Release 6 30 de noembro de 2012 Guia de Instalação Obseração Antes de usar estas informações e o produto por elas suportado, leia as informações em Aisos na página

Leia mais

Versão 1.0 Janeiro de 2011. Xerox Phaser 3635MFP Plataforma de interface extensível

Versão 1.0 Janeiro de 2011. Xerox Phaser 3635MFP Plataforma de interface extensível Versão 1.0 Janeiro de 2011 Xerox Phaser 3635MFP 2011 Xerox Corporation. XEROX e XEROX e Design são marcas da Xerox Corporation nos Estados Unidos e/ou em outros países. São feitas alterações periodicamente

Leia mais

LotusLive. Manual do Utilizador do LotusLive Engage e LotusLive Connections

LotusLive. Manual do Utilizador do LotusLive Engage e LotusLive Connections LotusLie Manual do Utilizador do LotusLie Engage e LotusLie Connections LotusLie Manual do Utilizador do LotusLie Engage e LotusLie Connections Nota Antes de utilizar as informações contidas nesta publicação,

Leia mais

Moodlerooms Instructor Essentials

Moodlerooms Instructor Essentials Moodlerooms Instructor Essentials [Type the company address] 2015 Moodlerooms Índice VISÃO GERAL DO BOLETIM JOULE... 4 Benefícios do Boletim Joule... 4 Documentação do professor no Boletim Joule... 4 Acesso

Leia mais

IBM Tivoli Monitoring para Transaction Performance Web Transaction Performance. Guia do Usuário. Versão 5.1.0 S517-7510-00

IBM Tivoli Monitoring para Transaction Performance Web Transaction Performance. Guia do Usuário. Versão 5.1.0 S517-7510-00 IBM Tioli Monitoring para Transaction Performance Web Transaction Performance Guia do Usuário Versão 5.1.0 S517-7510-00 IBM Tioli Monitoring para Transaction Performance Web Transaction Performance Guia

Leia mais

Introdução ao DB2 QMF para Windows e DB2 QMF para WebSphere

Introdução ao DB2 QMF para Windows e DB2 QMF para WebSphere DB2 Query Management Facility Introdução ao DB2 QMF para Windows e DB2 QMF para WebSphere Versão 8 Release 1 S517-7796-00 DB2 Query Management Facility Introdução ao DB2 QMF para Windows e DB2 QMF para

Leia mais

Componente NAS do IBM Tivoli Storage Resource Manager. Guia do Usuário. Versão 1 Release 2 S517-7702-01

Componente NAS do IBM Tivoli Storage Resource Manager. Guia do Usuário. Versão 1 Release 2 S517-7702-01 Componente NAS do IBM Tioli Storage Resource Manager Guia do Usuário Versão 1 Release 2 S517-7702-01 Componente NAS do IBM Tioli Storage Resource Manager Guia do Usuário Versão 1 Release 2 S517-7702-01

Leia mais

IBM Marketing Platform Versão 9 Liberação 0 15 de janeiro de 2013. Guia de Instalação

IBM Marketing Platform Versão 9 Liberação 0 15 de janeiro de 2013. Guia de Instalação IBM Marketing Platform Versão 9 Liberação 0 15 de janeiro de 2013 Guia de Instalação Obseração Antes de utilizar estas informações e o produto suportado por elas, leia as informações em Aisos na página

Leia mais

IBM SecureWay Trust Authority. Guia do Usuário. Versão 3 Release 1.2 S517-6880-01

IBM SecureWay Trust Authority. Guia do Usuário. Versão 3 Release 1.2 S517-6880-01 IBM SecureWay Trust Authority Guia do Usuário Versão 3 Release 1.2 S517-6880-01 IBM SecureWay Trust Authority Guia do Usuário Versão 3 Release 1.2 S517-6880-01 Nota! Antes de utilizar estas informações

Leia mais

Manual do Aplicativo - Rastreamento Veicular

Manual do Aplicativo - Rastreamento Veicular Manual do Aplicativo - Rastreamento Veicular Sumário Apresentação... 2 Instalação do Aplicativo... 2 Localizando o aplicativo no smartphone... 5 Inserindo o link da aplicação... 6 Acessando o sistema...

Leia mais

IBM Tivoli Monitoring para Transaction Performance Web Transaction Performance. Guia de Instalação. Versão 5.1.0 G517-7509-00

IBM Tivoli Monitoring para Transaction Performance Web Transaction Performance. Guia de Instalação. Versão 5.1.0 G517-7509-00 IBM Tioli Monitoring para Transaction Performance Web Transaction Performance Guia de Instalação Versão 5.1.0 G517-7509-00 IBM Tioli Monitoring para Transaction Performance Web Transaction Performance

Leia mais

SERVIDOR HOTSPOT PARA HOTÉIS/POUSADAS - SMARTWEB MANUAL DE OPERAÇÕES

SERVIDOR HOTSPOT PARA HOTÉIS/POUSADAS - SMARTWEB MANUAL DE OPERAÇÕES SERVIDOR HOTSPOT PARA HOTÉIS/POUSADAS - SMARTWEB MANUAL DE OPERAÇÕES O SMARTWEB é um servidor baseado na plataforma Mikrotik que permite o gerenciamento e controle de acessos à internet. Libera acesso

Leia mais

SmartCloud Notes. Administrando o SmartCloud Notes: Ambiente Somente de Serviço Março de 2015

SmartCloud Notes. Administrando o SmartCloud Notes: Ambiente Somente de Serviço Março de 2015 SmartCloud Notes Administrando o SmartCloud Notes: Ambiente Somente de Seriço Março de 2015 SmartCloud Notes Administrando o SmartCloud Notes: Ambiente Somente de Seriço Março de 2015 Nota Antes de utilizar

Leia mais

LotusLive. Manual de Administração do LotusLive

LotusLive. Manual de Administração do LotusLive LotusLie Manual de Administração do LotusLie LotusLie Manual de Administração do LotusLie Nota Antes de utilizar as informações contidas nesta publicação, bem como o produto a que se referem, leia as

Leia mais

Linux. Educacional. Tutorial Buzzword

Linux. Educacional. Tutorial Buzzword Linux Educacional Tutorial Buzzword Para trabalhar com o programa Buzzword online, é necessário que crie uma conta no site. Para isso acesse o endereço - https://buzzword.acrobat.com/ Para criar uma conta

Leia mais

CA Nimsoft Monitor. Guia do Probe Monitoramento de conectividade de rede. net_connect série 3.0

CA Nimsoft Monitor. Guia do Probe Monitoramento de conectividade de rede. net_connect série 3.0 CA Nimsoft Monitor Guia do Probe Monitoramento de conectividade de rede net_connect série 3.0 Aviso de copyright do CA Nimsoft Monitor Este sistema de ajuda online (o Sistema ) destina-se somente para

Leia mais

IBM Unica Oportunidades Versão 8 Release 6 25 de maio de 2012. Guia de Instalação

IBM Unica Oportunidades Versão 8 Release 6 25 de maio de 2012. Guia de Instalação IBM Unica Oportunidades Versão 8 Release 6 25 de maio de 2012 Guia de Instalação Obseração Antes de utilizar estas informações e o produto que elas suportam, leia as informações em Aisos na página 59.

Leia mais

iseries Client Access Express Consola de Operações

iseries Client Access Express Consola de Operações iseries Client Access Express Consola de Operações iseries Client Access Express Consola de Operações Copyright International Business Machines Corporation 2000. Todos os direitos reserados. Índice Parte

Leia mais

SmartCloud Notes. Administrando o SmartCloud Notes: Ambiente Híbrido Março de 2015

SmartCloud Notes. Administrando o SmartCloud Notes: Ambiente Híbrido Março de 2015 SmartCloud Notes Administrando o SmartCloud Notes: Ambiente Híbrido Março de 2015 SmartCloud Notes Administrando o SmartCloud Notes: Ambiente Híbrido Março de 2015 Nota Antes de utilizar estas informações

Leia mais

PANORAMA. O Panorama fornece gerenciamento centralizado de políticas e dispositivos em uma rede de firewalls de próxima geração da Palo Alto Networks.

PANORAMA. O Panorama fornece gerenciamento centralizado de políticas e dispositivos em uma rede de firewalls de próxima geração da Palo Alto Networks. PANORAMA O Panorama fornece gerenciamento centralizado de políticas e dispositivos em uma rede de firewalls de próxima geração da Palo Alto Networks. Exiba um resumo gráfico dos aplicativos na rede, os

Leia mais

Manual do Painel Administrativo

Manual do Painel Administrativo Manual do Painel Administrativo versão 1.0 Autores César A Miggiolaro Marcos J Lazarin Índice Índice... 2 Figuras... 3 Inicio... 5 Funcionalidades... 7 Analytics... 9 Cidades... 9 Conteúdo... 10 Referência...

Leia mais

IBM Tealeaf Customer Experience Versão 9 Release 0.2 18 de junho de 2015. Glossário

IBM Tealeaf Customer Experience Versão 9 Release 0.2 18 de junho de 2015. Glossário IBM Tealeaf Customer Experience Versão 9 Release 0.2 18 de junho de 2015 Glossário Nota Antes de utilizar estas informações e o produto suportado por elas, leia as informações em Avisos na página 11. Esta

Leia mais

Guia de Introdução ao Windows SharePoint Services

Guia de Introdução ao Windows SharePoint Services Guia de Introdução ao Windows SharePoint Services - Windows SharePoint Services... Page 1 of 11 Windows SharePoint Services Guia de Introdução ao Windows SharePoint Services Ocultar tudo O Microsoft Windows

Leia mais

Software de gerenciamento do sistema Intel. Guia do usuário do Pacote de gerenciamento do servidor modular Intel

Software de gerenciamento do sistema Intel. Guia do usuário do Pacote de gerenciamento do servidor modular Intel Software de gerenciamento do sistema Intel do servidor modular Intel Declarações de Caráter Legal AS INFORMAÇÕES CONTIDAS NESTE DOCUMENTO SÃO RELACIONADAS AOS PRODUTOS INTEL, PARA FINS DE SUPORTE ÀS PLACAS

Leia mais

IBM Sterling Transportation Management System. Guia de Referência. Data do Documento: 13 de Abril de 2013

IBM Sterling Transportation Management System. Guia de Referência. Data do Documento: 13 de Abril de 2013 IBM Sterling Transportation Management System Guia de Referência Data do Documento: 13 de Abril de 2013 IBM Sterling Transportation Management System Guia de Referência Data do Documento: 13 de Abril

Leia mais

CA Nimsoft Monitor Snap

CA Nimsoft Monitor Snap CA Nimsoft Monitor Snap Guia de Configuração do Monitoramento de conectividade de rede net_connect série 2.9 Aviso de copyright do CA Nimsoft Monitor Snap Este sistema de ajuda online (o Sistema ) destina-se

Leia mais

CA Nimsoft Monitor Snap

CA Nimsoft Monitor Snap CA Nimsoft Monitor Snap Guia de Configuração do Meu Monitor do SQL Server mysql série 1.4 Avisos legais Copyright 2013, CA. Todos os direitos reservados. Garantia O material contido neste documento é fornecido

Leia mais

IBM emessage Versão 8 Release 6 19 de fevereiro de 2014. Transactional Email Administration Guide

IBM emessage Versão 8 Release 6 19 de fevereiro de 2014. Transactional Email Administration Guide IBM emessage Versão 8 Release 6 19 de fevereiro de 2014 Transactional Email Administration Guide Nota Antes de usar essas informações e o produto que elas suportam, leia as informações em Avisos na página

Leia mais

Presskit Guia Rápido. Release 2.0. Presskit

Presskit Guia Rápido. Release 2.0. Presskit Presskit Guia Rápido Release 2.0 Presskit 06/07/2009 Sumário 1 Login 2 Login e Senha...................................... 2 Esqueci minha senha.................................. 2 Fale Com o Suporte...................................

Leia mais

Produto IV: ATU SAAP. Manual de Referência

Produto IV: ATU SAAP. Manual de Referência Produto IV: ATU SAAP Manual de Referência Pablo Nogueira Oliveira Termo de Referência nº 129275 Contrato Número 2008/000988 Brasília, 30 de outubro de 2008 1 Sistema de Apoio à Ativideade Parlamentar SAAP

Leia mais

Identificação rápida de gargalos Uma forma mais eficiente de realizar testes de carga. Um artigo técnico da Oracle Junho de 2009

Identificação rápida de gargalos Uma forma mais eficiente de realizar testes de carga. Um artigo técnico da Oracle Junho de 2009 Identificação rápida de gargalos Uma forma mais eficiente de realizar testes de carga Um artigo técnico da Oracle Junho de 2009 Identificação rápida de gargalos Uma forma mais eficiente de realizar testes

Leia mais

Data Protection para mysap.com Technology: Guia do Usuário e de Instalação para DB2 UDB

Data Protection para mysap.com Technology: Guia do Usuário e de Instalação para DB2 UDB IBM Tioli Storage Manager para Enterprise Resource Planning (5698 APR) Data Protection para mysap.com Technology: Guia do Usuário e de Instalação para DB2 UDB Versão 3, Release 3. 11 S517-7733-04 IBM

Leia mais

folha de dados Serviço de gerenciamento com acesso inteligente Ruckus TRANSFERÊNCIA DO SMART WI-FI PARA A NUVEM RECURSOS E BENEFÍCIOS

folha de dados Serviço de gerenciamento com acesso inteligente Ruckus TRANSFERÊNCIA DO SMART WI-FI PARA A NUVEM RECURSOS E BENEFÍCIOS folha de dados RECURSOS E BENEFÍCIOS Wi-Fi em nuvem com um modelo de serviço e pagamento de acordo com o crescimento Solução econômica para implantações pequenas e grandes que oferecem suporte para milhares

Leia mais

IBM Tivoli Storage Manager para Linux. Iniciação Rápida. Versão 5 Release 2 G517-7500-01

IBM Tivoli Storage Manager para Linux. Iniciação Rápida. Versão 5 Release 2 G517-7500-01 IBM Tioli Storage Manager para Linux Iniciação Rápida Versão 5 Release 2 G517-7500-01 IBM Tioli Storage Manager para Linux Iniciação Rápida Versão 5 Release 2 G517-7500-01 Nota Antes de utilizar estas

Leia mais

IBM Rational Host Access Transformation Services. Introdução ao IBM i. Versão 7.5.1 G517-9395-01

IBM Rational Host Access Transformation Services. Introdução ao IBM i. Versão 7.5.1 G517-9395-01 IBM Rational Host Access Transformation Serices Introdução ao IBM i Versão 7.5.1 G517-9395-01 IBM Rational Host Access Transformation Serices Introdução ao IBM i Versão 7.5.1 G517-9395-01 Nota Antes de

Leia mais

Diveo Exchange OWA 2007

Diveo Exchange OWA 2007 Diveo Exchange OWA 2007 Manual do Usuário v.1.0 Autor: Cícero Renato G. Souza Revisão: Antonio Carlos de Jesus Sistemas & IT Introdução... 4 Introdução ao Outlook Web Access 2007... 4 Quais são as funcionalidades

Leia mais

BEM-VINDO AO dhl PROVIEW

BEM-VINDO AO dhl PROVIEW BEM-VINDO AO dhl PROVIEW Guia de Usuário O DHL PROVIEW COLOCA VOCÊ NO CONTROLE DE SEUS ENVIOS. PROVIEW O DHL ProView é uma ferramenta de rastreamento on-line que permite o gerenciamento dos envios, a programação

Leia mais

Suporte aos clientes. Guia do usuário, Winter 16. @salesforcedocs

Suporte aos clientes. Guia do usuário, Winter 16. @salesforcedocs Guia do usuário, Winter 16 @salesforcedocs A versão em Inglês deste documento tem precedência sobre a versão traduzida. Copyright 2000 2015 salesforce.com, inc. Todos os direitos reservados. Salesforce

Leia mais

CA Nimsoft Monitor. Guia do Probe Monitoramento de resposta de JDBC. jdbc_response série 1.1

CA Nimsoft Monitor. Guia do Probe Monitoramento de resposta de JDBC. jdbc_response série 1.1 CA Nimsoft Monitor Guia do Probe Monitoramento de resposta de JDBC jdbc_response série 1.1 Aviso de copyright do CA Nimsoft Monitor Este sistema de ajuda online (o Sistema ) destina-se somente para fins

Leia mais

IBM emessage Versão 9 Release 1.1 26 de novembro de 2014. Transactional Email Administration Guide

IBM emessage Versão 9 Release 1.1 26 de novembro de 2014. Transactional Email Administration Guide IBM emessage Versão 9 Release 1.1 26 de novembro de 2014 Transactional Email Administration Guide Nota Antes de usar essas informações e o produto que elas suportam, leia as informações em Avisos na página

Leia mais

Conheça o Projeto. Apresentação. Finalidade. Objetivo

Conheça o Projeto. Apresentação. Finalidade. Objetivo Manual do Usuário Índice Conheça o Projeto...3 Apresentação...3 Finalidade...3 Objetivo...3 Histórico...4 Usando o Portal...5 Efetuando o cadastro na biblioteca digital...5 Logando na Biblioteca Digital...6

Leia mais

CA Nimsoft Monitor. Guia do Probe Monitoramento de resposta do ponto de extremidade do URL. url_response série 4.1

CA Nimsoft Monitor. Guia do Probe Monitoramento de resposta do ponto de extremidade do URL. url_response série 4.1 CA Nimsoft Monitor Guia do Probe Monitoramento de resposta do ponto de extremidade do URL url_response série 4.1 Aviso de copyright do CA Nimsoft Monitor Este sistema de ajuda online (o Sistema ) destina-se

Leia mais

Millennium ECO 2.0 (beta)

Millennium ECO 2.0 (beta) MILLENNIUM NETWORK Millennium ECO 2.0 (beta) Documentação Técnica (draft) 10/2013 Este documento contém as instruções para a utilização da biblioteca Millenium_Eco que se presta à comunicação de aplicativos

Leia mais

CA Clarity Agile. Guia de Implementação. Release 13.3.00

CA Clarity Agile. Guia de Implementação. Release 13.3.00 CA Clarity Agile Guia de Implementação Release 13.3.00 A presente documentação, que inclui os sistemas de ajuda incorporados e os materiais distribuídos eletronicamente (doravante denominada Documentação),

Leia mais

Guia do Cúram Verification

Guia do Cúram Verification IBM Cúram Social Program Management Guia do Cúram Verification Versão 6.0.5 IBM Cúram Social Program Management Guia do Cúram Verification Versão 6.0.5 Nota Antes de usar essas informações e o produto

Leia mais

Introdução. Nesta guia você aprenderá:

Introdução. Nesta guia você aprenderá: 1 Introdução A criação de uma lista é a primeira coisa que devemos saber no emailmanager. Portanto, esta guia tem por objetivo disponibilizar as principais informações sobre o gerenciamento de contatos.

Leia mais

II Torneio de Programação em LabVIEW

II Torneio de Programação em LabVIEW Desenvolvimento da Aplicação II Torneio de Programação em LabVIEW Seção I: Requisitos Gerais A aplicação submetida deverá atender, pelo menos, às exigências de funcionamento descritas na Seção II deste

Leia mais

Integrated Management Module II. Guia do Usuário

Integrated Management Module II. Guia do Usuário Integrated Management Module II Guia do Usuário Integrated Management Module II Guia do Usuário Terceira Edição (Maio de 2013) Copyright IBM Corporation 2013. Índice Tabelas.............. ii Capítulo

Leia mais

Manual de Utilização

Manual de Utilização Se ainda tiver dúvidas entre em contato com a equipe de atendimento: Por telefone: 0800 642 3090 Por e-mail atendimento@oisolucoespraempresas.com.br Introdução... 3 1. O que é o programa Oi Backup Empresarial?...

Leia mais

Conecta S_Line. 2.2 Downloads Para instalar o Conecta S_Line, basta acessar www.sline.com.br/downloads.aspx

Conecta S_Line. 2.2 Downloads Para instalar o Conecta S_Line, basta acessar www.sline.com.br/downloads.aspx 1 Introdução O Conecta S_Line permite que o laboratório envie à Central S_Line os resultados de exames gerados pelo Sistema de Informação Laboratorial (LIS) em forma de arquivos digitais. Todo o processo

Leia mais

MANUAL RASTREAMENTO 2013

MANUAL RASTREAMENTO 2013 MANUAL RASTREAMENTO 2013 Visão Geral O menu geral é o principal módulo do sistema. Através do visão geral é possível acessar as seguintes rotinas do sistema: Sumário, localização, trajetos, últimos registros.

Leia mais

MANUAL DO ANIMAIL 1.0.0.1142 Terti Software

MANUAL DO ANIMAIL 1.0.0.1142 Terti Software O Animail é um software para criar campanhas de envio de email (email Marketing). Você pode criar diversas campanhas para públicos diferenciados. Tela Principal do sistema Para melhor apresentar o sistema,

Leia mais

Cetac - Centro de Ensino e Treinamento em Anatomia e Cirurgia Veterinária Manual Técnico do Sistema Administrativo do site Cetacvet.com.

Cetac - Centro de Ensino e Treinamento em Anatomia e Cirurgia Veterinária Manual Técnico do Sistema Administrativo do site Cetacvet.com. Manual Técnico do Sistema Administrativo do site Cetacvet.com.br SÃO PAULO - SP SUMÁRIO Introdução... 3 Autenticação no sistema administrativo... 4 Apresentação do sistema administrativo... 5 Gerenciamento

Leia mais

BEM-VINDO AO dhl PROVIEW GUIA RÁPIDO DE USO

BEM-VINDO AO dhl PROVIEW GUIA RÁPIDO DE USO BEM-VINDO AO dhl PROVIEW GUIA RÁPIDO DE USO O DHL PROVIEW COLOCA VOCÊ NO CONTROLE DE SEUS ENVIOS. PROVIEW O DHL ProView é uma ferramenta de rastreamento on-line que permite a visibilidade dos envios e

Leia mais