Portalegre As fotografias de Paino Perez Portalegre The photographs of Paino Perez

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Portalegre 1888. As fotografias de Paino Perez Portalegre 1888. The photographs of Paino Perez"

Transcrição

1 PUBLICAÇÕES DA FUNDAÇÃO ROBINSON ISSN Portalegre As fotografias de Paino Perez Portalegre The photographs of Paino Perez

2

3 PUBLICAÇÕES DA FUNDAÇÃO ROBINSON 13 Portalegre As fotografias de Paino Perez Portalegre The photographs of Paino Perez

4 PUBLICAÇÕES DA FUNDAÇÃO ROBINSON N.º 13 ROBINSON FOUNDATION PUBLICATIONS No. 13 Portalegre As fotografias de Paino Perez Portalegre The photographs of Paino Perez Portalegre, Setembro de 2007 Portalegre, September 2007 Fundação Robinson Robinson Foundation CONSELHO DE CURADORES COUNCIL OF CURATORS José Fernando da Mata Cáceres (Presidente) (Chair), António Fernando Biscainho, Carlos Melancia, Jaime Azedo, Hemetério Cruz, Nuno Oliveira, Luís Calado, Ana Pestana, António Ventura, Filipe Themudo Barata CONSELHO DE ADMINISTRAÇÃO ADMINISTRATIVE COUNCIL José Polainas (Presidente) (Chair), Helena Nabais, Ana Manteiga, João Adolfo Geraldes, Joaquim Leal Martins CONSELHO FISCAL FISCAL COUNCIL António de Azevedo Coutinho (Presidente) (Chair), José Escarameia de Sousa, António Escarameia Mariquito ADMINISTRADORA DELEGADA ASSISTANT ADMINISTRATOR Alexandra Carrilho Barata Publicações da Fundação Robinson Robinson Foundation Publications CONSELHO CONSULTIVO EDITORIAL BOARD Amélia Polónia, António Camões Gouveia, António Filipe Pimentel, António Ventura, João Carlos Brigola, José Heitor Dias Patrão, Luísa Tavares Moreira, Maria João Mogarro, Mário Freire, Rui Cardoso Martins DIRECTOR EDITOR António Camões Gouveia ADMINISTRAÇÃO DAS PUBLICAÇÕES PUBLICATIONS ADMINISTRATOR Alexandra Carrilho Barata SECRETARIADO DE EDIÇÃO PUBLICATION SECRETARY Ana Bicho (Câmara Municipal de Portalegre) (Portalegre Town Hall) A correspondência relativa a colaboração, permuta e oferta de publicações deverá ser dirigida a All correspondence to be addressed to Fundação Robinson Robinson Foundation Apartado Portalegre Tel DESIGN DESIGN TVM designers / Luís Moreira COORDENAÇÃO COORDINATED BY António Camões Gouveia COORDENAÇÃO EDITORIAL EDITORIAL COORDINATION MM Eventus e Congressos TRADUÇÃO TRANSLATED BY Monica Varese Andrade (inglês) (english), Pedro Santa María de Abreu (espanhol) (spanish) REVISÃO EDITING Alexandra Xisto Pinto, António Camões Gouveia, Célia Gonçalves Tavares, Jorge Maroco Alberto, Nuno Miguel Lima IMPRESSÃO PRINTED BY Gráfica Maiadouro DEP. LEGAL /07 ISSN Na capa, fotografia de Cover photograph by Paino Perez, 1888

5 4 Património, agradecimento e amizade Heritage, gratitude and friendship Patrimonio, agradecimiento y amistad Presidente do Conselho de Curadores Chair of The Council of Curators 6 Portalegre As fotografias de Paino Perez Portalegre The photographs of Paino Perez Portalegre Las fotografías de Paino Perez Aurélio Bentes Bravo 34 Resumos e Palavras-chave Abstracts and key-words Resúmenes y palabras clave

6 Património, agradecimento e amizade Heritage, gratitude and friendship José Fernando da Mata Cáceres PRESIDENTE DO CONSELHO DE CURADORES CHAIR OF THE COUNCIL OF CURATORS Publicações da Fundação Robinson 13, 2007, p. 4-5, ISSN

7 Se nos agrada sempre deixar algumas palavras em obras que se vão editando e passando a fazer parte do património literário da nossa cidade e concelho, esta tem para nós um sabor especial. Sabor que é o da beleza da novidade destas fotografias, mais ou menos esquecidas, que nos ensinam e nos levam a respeitar e preservar tantos aspectos da história, costumes e espaços de Portalegre. Sabor que cresce com a disponibilidade de um portalegrense. É de agradecer a simpatia e o desinteresse com que Aurélio Bentes Bravo, o professor Bentes, vem pôr sob o olhar de todos nós estas preciosidades da sua colecção pessoal. Por fim, um sabor transfronteiriço, pois é pela mão de um Espanhol, que aqui entre nós viveu algum tempo, que conhecemos a cidade de 1888! Este último sabor permite-nos dizer que este número 13 das Publicações da Fundação Robinson é como que dedicado às frutuosas relações que vimos conseguindo consolidar e ampliar com Cáceres e àquelas que, em boa hora, se estão a desenvolver com Plasencia. Património, agradecimento e amizade, fundem-se nesta possibilidade de ver a Portalegre de 1888, com os olhos postos no futuro. Though it is always a pleasure to set down some words in works which are published and become part of the literary heritage of our town, it is with special pleasure that I do so now. This pleasure comes from the freshness of these photographs, which had been more or less forgotten and which teach us and make us respect and preserve so many facets of the history, customs and spaces of Portalegre. The pleasure becomes even greater at the good-will of a Portalegran. Aurélio Bentes Bravo is greatly to be thanked for the kindness and generosity with which he, teacher Bentes, has placed before all of us these precious items from his personal collection. Finally, a flavour of the other side of the frontier, for it is guided by a Spaniard, who lived among us for some time, that we come to know the town as it was in The latter pleasure allows me to say that this issue of the Robinson Foundation Publications is in some way dedicated to the fruitful relations we are beginning to consolidate and broaden with Caceres and those which, most fortunately for us, we are in the process of developing with Plasencia. Heritage, gratitude and friendship merge together in this chance to see the Portalegre of 1888, looking forward at the future. 5

8 Portalegre As fotografias de Paino Perez Portalegre The photographs of Paino Perez Aurélio Bentes Bravo Publicações da Fundação Robinson 13, 2007, p. 6-31, ISSN

9 Francisco Paino Perez Francisco Paino Perez foi um fotógrafo espanhol com atelier em Viseu, de actividade itinerante por vários pontos do país entre os quais Portalegre, onde permaneceu desde os princípios de Dezembro de 1887 a 14 de Junho de Instalou-se na Travessa do Teatro, junto ao antigo Teatro Portalegrense, num quintalzinho alegre, de boa luz e sol brilhante conforme refere O Distrito de Portalegre na sua edição de 11 de Janeiro de Nesse mesmo artigo se refere que para justificar o merecimento artístico do Sr. Perez, basta chamar a atenção para os numerosos specimens de seus trabalhos expostos nas vitrines das principais casas comerciais desta cidade e sobretudo nas esplêndidas fotografias dos melhores panoramas do país e dalgumas obras de arte de superior valor, como o quadro de S. Pedro, na Sé de Viseu, de Grão Vasco. Apresentou-se publicamente em Portalegre através de um anúncio constante de O Distrito de Portalegre em que informa que no seu atelier se executam todos os trabalhos fotográficos, desde a miniatura até extra-placa; reproduzem-se quaisquer fotografias, mapas, quadros, interiores de edifícios, etc. Tiram-se grandes grupos ao ar livre para o que se possui excelentes máquinas. Naturalmente que o negócio principal por essa altura era o retrato, normalmente no formato cabinet, muito popular até finais do século XIX em que as provas coladas no cartão, com o nome do fotógrafo na frente ou no verso, eram geralmente albuminas 1. No artigo a que acima aludimos o autor assinala, na forma muito pitoresca própria do jornalismo de então, que uma visita ao sr. Perez é a mais feliz lembrança duma menina galante ou de um rapaz janota e enamorado, até porque a troca dum retrato é Francisco Paino Perez Francisco Paino Perez was a Spanish photographer with a studio in Viseu, who plied his trade in several parts of Portugal, among which Portalegre, where he lived and worked from the beginning of December 1887 to 14 June He set up his studio in Travessa do Teatro, close to the former Portalegre Theatre, in a cheerful little back garden, offering good light and plenty of sun as the O Distrito de Portalegre put it in its issue of 11 January The same article mentioned that to justify Mr. Perez s artistic merit all that is needed is to draw attention to the numerous specimens of his work displayed in the show-cases of the main shops of this town and above all in the splendid photographs of the best views of the country and to some art-works of superior value, such as that of the painting of St. Peter by Grão Vasco in the Cathedral of Viseu. Perez presented himself publicly in Portalegre by placing an advertisement in O Distrito de Portalegre, announcing that his studio undertakes all types of photographic work, from cartes de visite to cabinet works; reproductions can be made of all types of photograph, maps, paintings, interiors of buildings, etc. Group photographs are taken in the open air, for which excellent equipment is available. Naturally, the main activity for a photographer of the time was portraiture, usually in the cabinet format, very popular until the late 1800s, with the print being glued onto a card bearing the photographer s name both in front and on the back. These were generally albumen prints 1. In the article mentioned above, the author points out, in the very picturesque terms of the journalism of the day, that a visit to Mr. Perez is the happiest memory of a fashionable young lady or of a well attired young man in love. This was especially so as the exchange of portraits is the sincerest proof of true love, of a loyal declaration and of a pure and solid affection. To request permission from Mama and Papa, do one s hair, attire one- 7

10 a prova mais frisante dum amor sincero, duma declaração leal e dum afecto puro e firme. Pedir licença ao papá e à mamã, pentear-se, fazer a melhor toilette e pedir ao sr. Perez que traduza certas formas e feitios e o mais que se levar, numas linhas finas, numas sombras delicadas, nuns traços primorosos é no que de certo com razão sonham as Julietas nossas conterrâneas. Os rapazes esses não faltam fazer ao sr. Perez as contumélias mais rasgadas e mais cerimoniosas para que as calças e o frack fiquem sem uma ruga, o bigode, o olhar e o sorriso com a mais simpática expressão e com o mais delicado bom gosto. O sr. Perez, aliás, esclarecia na sua publicidade que os trabalhos são todos esmaltados e os preços sumamente módicos, tais como: por 12 retratos duma só pessoa, 2$500 réis; por 6 idem, 1$500 réis, etc. e acrescentava Tiram-se retratos petits também esmaltados, para carteira a 1$200 réis a dúzia, sendo a meia dúzia a 800 réis. Rematava esta publicidade com uma N.B. Crianças menores de 5 anos são fotografadas por preços convencionais, e bem assim qualquer espécie de animal. O Fotógrafo demorar-se-á pouco tempo nesta terra conservam-se os clichés. A colecção Com menos de um mês de estadia em Portalegre Paino Perez já tinha uma apreciável colecção de fotografias dos principais pontos de interesse de então da cidade, algumas das quais expunha na montra de casas comerciais. Isso mesmo é relatado em 25 de Janeiro de 1888 em O Distrito de Portalegre: Um dia destes estivemos na Fotografia do sr. Paino Perez, no atelier que ele tem ali ao pé do teatro (...) O sr. Perez tem fotografias que são duma delicadeza e fidelidade adoráveis. E não são só retratos que ele tem maravilhosos e deveras apreciáveis; são também panoramas dos principais pontos self in a superior fashion and ask Mr. Perez to translate certain forms and fashions and everything that goes with it, into fine lines, delicate shading must surely be what the Juliets of our town rightly dream of. As for the young men, they need only pay the most extravagant and ceremonious courtesies to Mr. Perez for trousers and morning coat to appear without a single wrinkle, for moustaches, gazes and smiles to convey the most becoming expression and this in the most delicate taste. In his advertisements, Mr. Perez did in fact explain that all photographs are provided with a glossy finish and are most reasonably priced, of which: for 12 portraits of the same person, 2$500 réis; for 6 as above, 1$500 réis, etc. and he added: petit glossy portraits also undertaken, wallet size being 1$200 réis per dozen, and 800 réis for half a dozen. He ended with an N.B. children under the age of 5 are photographed at the usual price, as also any type of animal. The Photographer will spend little time in this town plates are kept. The Collection Less than one month into his stay in Portalegre, Paino Perez already had a considerable collection of photographs of the main views of the town as it was at the time, some of which he displayed in shop-windows. This fact is recounted by the O Distrito de Portalegre on 25 January 1888: Some days ago we were at Mr. Paino Perez s Photography Studio, in his premises close to the theatre (...) Mr. Perez has taken photographs of an adorable delicacy and faithful likeness. And it is not just his portraits which are wonderful and truly to be appreciated; there are also views of the main landmarks of Portalegre and of outlying places! Such is the way Mr. Perez gives all Portalegrans, whether here or residing outside their native town, novelties worthy of the highest praise and which are at once either the satisfaction or the proof of the affection 8

11 e lugares dos arredores de Portalegre! De tal modo o sr. Perez proporciona a todos os portalegrenses, ou aqui ou fora da terra seu berço, novidades dignas de maior elogio e que são ao mesmo tempo ou a satisfação ou a prova de afectos e compromissos tomados anteriormente por corações enamorados e cativos, ou ainda a recordação de coisas e lugares onde correram os primeiros dias ou anos da vida. O articulista refere ainda que o Sr. Perez, para as vistas ou panoramas e fotografias dos principais pontos e monumentos de Portalegre, tem aberta uma assinatura no estabelecimento comercial do sr. Fernando dos Santos Gallope, ao Pocinho, e no café do sr. Malato, na rua da Carreira. Nos finais de Fevereiro Paino Perez publica outro anúncio no jornal em que pela primeira vez faz referência a uma colecção de vistas de Portalegre: O fotógrafo Francisco Paino Perez, actualmente nesta cidade, participa ao respeitável público, que tendo de se ausentar por motivos particulares, só estará nesta, até ao dia 4 do próximo mês, por isso as pessoas que tencionarem fotografar-se podem-no fazer até ao dia acima indicado. Também participa que já tem quase concluída a colecção de vistas, dos principais pontos e monumentos de Portalegre. As pessoas que queiram assinar para esta colecção receberão 11 vistas e só terão a pagar 10. È aproveitar a ocasião. Previne o público que também tem à venda vistas de outras cidades do reino, e vai a qualquer domicílio fotografar por preços convencionais. Na realidade não ficaria só até 4 de Março. No final deste mesmo mês ainda cá está (e ficará até meados de Junho) e faz publicar outro anúncio intitulado Vistas de Portalegre, em O Distrito de Portalegre de 28 de Março de 1888, com o seguinte texto: O Fotógrafo P. Perez vende magníficas colecções de 12 vistas de Portalegre das principais praças e sítios mais bonitos de Portalegre, próprios para álbum grande ou para adornar and commitment previously made by enamoured and captive hearts, or, on the other hand, a souvenir of things and places which saw our first days or years. The writer of the article goes on to say that for the views and landscapes and photographs of the main landmarks and monuments of Portalegre, Mr. Perez has an account open for subscriptions at Mr. Fernando dos Santos Gallope s shop in Pocinho, and in Mr. Malato s Cafe, in Carreira Street. Towards the end of February, Paino Perez placed another advertisement in the newspaper, where reference is first made to his collection of views of Portalegre: The photographer, Francisco Paino Perez, currently of this town, informs the esteemed public that, having to leave on personal business, he will only be here until the 4 th of next month, so that those persons wishing to be photographed can do so until the above date. He likewise makes public the fact that he has nearly concluded his collection of views of the main landmarks and monuments of Portalegre. Those persons wishing to subscribe to this collection will receive 11 views and will only have to pay for 10. Do not miss this opportunity. He advises the public that he also has for sale views of other towns of the kingdom, and will go to any residence to take photographs at current prices. In actual fact, he would not remain in Portalegre only until 4 March. He was still there at the end of the month (and would remain so until mid-june) and had a further advertisement published in O Distrito de Portalegre of 28 March 1888, entitled Views of Portalegre, reading as follows: The Photographer P. Perez has for sale magnificent collections of 12 views of Portalegre, of the main squares and prettiest sights of Portalegre, appropriate for large albums or to adorn a drawing-room wall. There are 12 of them, but the buyer only pays for 11, as they cost a mere 3$300 réis in Portalegre. 9

12 10 1 Vista parcial da Sé Catedral, do Castelo e Palácio Amarelo. Partial view of the Cathedral, the Castle and the Yellow Palace.

13 2 Vista parcial com o Monte da Penha. Partial view with Penha Mount. 11

14 12 3 Monte e Ermida de Nossa Senhora da Penha. The Virgin of Penha Mount and Chapel.

15 4 Vista geral de Portalegre do Monte da Penha. Panoramic view of Portalegre and Penha Mount. 13

16 Fotografias 1 e 2. Photographs 1 and 2. Fotografias 3 e 4. Photographs 3 and 4. 14

17 5 O Corro Liceu e Governo Civil. Corro the Secondary School and Civil Governnment building. 15

18 as paredes duma sala. São 12 mas pagam-se só 11, pois custam apenas, em Portalegre, 3$300 réis. Depois desta publicidade, aliás repetida em mais duas edições, o referido jornal só volta a falar de Paino Perez para dar a notícia da sua retirada de Portalegre a 13 de Junho de Reza assim: Retira amanhã, quinta-feira, desta cidade com destino a Castelo Branco, o sr. Paino Perez, distinto fotógrafo. O Sr. Perez esteve entre nós alguns meses e produziu trabalhos magníficos. É de esperar que em Castelo Branco seja recebido com as simpatias de que é merecedor e que os seus trabalhos fotográficos sejam apreciados como é de justiça. Das pesquisas que efectuámos sobre este fotógrafo espanhol pouco mais conseguimos. A sua passagem por Évora é referida pelo jornal Sul, na sua edição n º 31 de 8 de Maio de conforme pesquisa de Cármen Almeida. António Sena, na obra História da imagem fotográfica em Portugal , embora no texto não se refira ao fotógrafo, reproduz porém uma foto do Corro de Portalegre de Paino Perez, mas para se referir a um Atelier de Gravura em madeira, propriedade do Director da revista Occidente, que utilizava na sua impressão a técnica da xilogravura para reproduzir as fotografias, uma vez que a zincogravura ainda tinha uma aplicação incipiente em tipografia. De facto, nessa Revista, a ilustrar um texto de Gervásio Lobato, intitulado Oito dias no Alentejo. Notas de Viagem, há 3 gravuras sobre fotografia de Paino Perez, duas de Portalegre (Vista de S. Cristóvão e Corro) e uma de Castelo de Vide (Vista da Sr.ª da Penha). Desta última nunca vimos nenhum original, o que não quer dizer que não tenha chegado aos nossos dias. After this advertisement, which was reprinted in a further two issues, the newspaper concerned only mentioned Paino Perez to announce his departure from Portalegre on 13 June It went as follows: En route to Castelo Branco, Mr. Paino Perez, the distinguished photographer, leaves this town tomorrow, Thursday. Mr. Perez resided among us for some months and was the author of a number of magnificent works. It is to be hoped that he will be received in Castelo Branco with all the courtesy which he deserves, and that his photographic work will be appreciated as is meet and just. There was little more we were able to find after researching this Spanish photographer. His stay in Evora was recorded by the Sul newspaper, in its issue no. 31 of 8 May , as a result of research by Carmen Almeida. In his História da imagem fotográfica em Portugal , Antonio Sena, although not mentioning the photographer, does reproduce a photo of the Corro in Portalegre taken by Paino Perez. He does so, however, to mention a wood engraving studio owned by the editor of Occidente, who in his printing used xylography to reproduce photographs, since zincography was still in its early stages in typography. The magazine under discussion did in fact, to illustrate an article signed by Gervásio Lobato titled Oito dias no Alentejo. Notas de Viagem, use 3 etchings on Paino Perez s photography, two being of Portalegre (view of the Church of St. Christopher and Corro) and one of Castelo de Vide (view of the Virgin of Penha). We have never seen an original of the latter, which does not mean it has not survived A exposição A colecção agora exposta consta de treze fotografias, com os formatos originais em albumina de 16,5 x 22,5 cm, mon- The Exhibition The collection now on display consists of thirteen photographs, with the original albumen formats of 16.5 x 22.5 cm, 16

19 tados em cartão creme, com moldura tipografada a vermelho, no formato 23,5 x 31 cm. A todas é comum a legenda impressa a vermelho em rodapé, F.P. Perez, - Photographo. à esquerda e Vizeu à direita. Apesar de Paino Perez ter tido atelier em Portalegre durante seis meses, não alterou a impressão inicial dos cartões de montagem, provavelmente por ter um grande stock deles oriundos do seu laboratório principal em Viseu. Quatro delas porém têm impresso a preto, em posição central e um pouco abaixo das legendas atrás referidas, a descrição do tema da fotografia, provavelmente tipografado localmente. A primeira publicidade que Paino Perez fez da colecção Vistas de Portalegre referia-se, como provavelmente se recordam, a 11 fotografias, tendo passado a 12 na segunda vez que a publicitou. Nós apresentamos 13, que foram as que nos chegaram e nos fazem partir do princípio de que integravam essa mesma colecção comercializada pelo autor, por terem características muito comuns no formato, no suporte e na temática. n.º 1 Vista parcial da Sé Catedral, do Castelo e Palácio Amarelo n.º 2 Vista parcial com o Monte da Penha n.º 3 Monte e Ermida de N.ª S.ª da Penha n.º 4 Vista geral de Portalegre do Monte da Penha n.º 5 O Corro Liceu e Governo Civil n.º 6 Corredoura de Baixo, Calvário, Seminário e Fonte do cano n.º 7 Calvário e Seminário, vistos da Corredoura de Cima n.º 8 Rossio, Plátano e antigo Jardim Público mounted on cream-coloured card, with red-typographed frames in a 23.5 x 31 cm format. All have in common the caption printed in red at the bottom of the prints F.P. Perez, - Photographer on the left and Vizeu on the right. Although Paino Perez had a studio in Portalegre for six months, he did not alter the original printing on his mounting cards, probably because he had a large supply of these from the days when his main laboratory was in Viseu. However, four of them display in black print a description of the photographer s theme, probably typographed locally, and which is centrally placed, a little below the above mentioned captions. The first advertisement Paino Perez had placed for his collection of Views of Portalegre referred, as readers may remember, to 11 photographs, these having become 12 in his second advertisement. We exhibit 13, which are those that have reached us and make us assume they were part of that same collection sold by the author, since they have many features in common in terms of format, medium and theme. no. 1 Partial view of the Cathedral, the Castle and the Yellow Palace no. 2 Partial view with Penha Mount no. 3 The Virgin of Penha Mount and Chapel no. 4 Panoramic view of Portalegre and Penha Mount no. 5 Corro the Secondary School and Civil Governnment building no. 6 Corredoura de Baixo, Calvário, Seminary, and Fonte do cano no. 7 Calvário, Seminary, seen from Corredoura de Cima no. 8 Rossio, Plane-tree and the old Public Gardens 17

20 n.º 9 Rossio do Espírito Santo com Plátano, visto do lado do jardim n.º 10 Fontedeira, Convento e Igreja de St.º António n.º 11 Hospital Civil, Igreja do Espírito Santo e Calvário n.º 12 Portalegre, vista do Largo de Santana n.º 13 Portalegre Sítio do Outeiro, Fábrica Robinson e Quartel de Infantaria 22 O tema comum às treze peças é a cidade de Portalegre, a maior parte das quais contendo grandes planos gerais em que o ambiente é o elemento primordial. Objectivamente a área da fotografia é preenchida pelo ambiente deixando uma pequena parcela deste espaço para o sujeito que também o dimensiona. O seu valor descritivo está na importância da localização geográfica do sujeito e o seu valor dramático está no envolvimento, ou esmagamento, do sujeito pelo ambiente. Estamos em 1888 e nesse tempo a fotografia, ainda uma técnica muito jovem, era relativamente penosa em relação aos dias de hoje. Para além da parte laboratorial, para a qual eram necessários profundos conhecimentos de química, as máquinas muito pesadas, com manipulações complexas, não permitiam grande mobilidade. Daí a fotografia de estúdio ser muitíssimo mais vulgar que a de exterior. Por essa altura e por essa razão havia poucas fotografias representativas das cidades, dos monumentos e das paisagens, em contraponto com as fotografias de pessoas, em poses de estúdio, normalmente com cenários pintados por detrás. Paino Perez porém, homem viajado, estava aberto a captar e registar o que de mais interessante encontrava por onde passava. Para além disso detinha uma competência profissional que para a época é surpreendente, dado que já se propunha fazer reproduções de outras fotografias, de documentos, de mapas e obras de arte, o que no. 9 Rossio do Espírito Santo with plane-tree, seen from the Gardens no. 10 Fontedeira, Convent and Church of St. Anthony no. 11 Civilian Hospital, Church of the Holy Spirit and Calvário no. 12 Portalegre, seen from Largo de Santana no. 13 Portalegre Sítio do Outeiro, Robinson Factory and 22 Infantry Barracks The theme linking all 13 pieces is the town of Portalegre, most of them being wide angle shots in which the environment is of primary concern. Objectively the area of the photograph is filled by the environment, with a small part of this space being left for the subject which also helps create its scale. Their descriptive value lies in the importance accorded to the subject s geographical location, and their dramatic value lies in the envelopment, or overwhelming, of the subject by the environment. It was 1888, and in those times photography, as yet a very recent technology, was relatively painful in regard to what it is today. Besides the laboratory procedures, requiring a vast knowledge of chemicals, the very heavy camera equipment, requiring complex handling, did not allow for great mobility. Hence, studio photography was far more widespread than exteriors. Around that time and for this reason, there were few photographs of towns, monuments and landscapes, in contradistinction to photographs of persons in studied poses, usually against a painted studio backdrop. However, Paino Perez, a much travelled man, was willing to capture and record the most interesting features he encountered on his travels. Additionally, his professional competence was surprisingly advanced for his time, given that he offered to reproduce other photographs, documents, maps 18

21 adivinhamos muito complexo tendo em conta os meios disponíveis na altura. Só três fotos das treze não contêm o elemento humano, sendo meramente descritivas da paisagem. Nas outras dez a composição mais parece uma encenação cheia de actores colocados estrategicamente no ambiente, o palco, e a representar cada um o seu papel. Muito poucas pessoas parecem estar ali por mero acaso, só os mirones quase a saírem da moldura ou gente que trata da sua vida já muito longe da objectiva. Os temas são o que de mais representativo havia em Portalegre, por essa época, autênticos clichés, que provavelmente influenciaram muitos editores de postais que posteriormente retomariam os mesmos cenários, dos mesmos pontos de vista. As três fotografias onde não há pessoas são tomadas de pontos altos. Duas delas são mesmo uma sequência com a máquina colocada no mesmo ponto - o miradouro de S. Cristóvão - e orientadas para dois planos contíguos. A ideia era provavelmente fazer uma panorâmica com duas fotos em sequência mas a técnica para tal era ainda muito incipiente. Só uns anos mais tarde, nos primeiros anos do século XX, dois editores portalegrenses Anselmo Augusto Oliveira e António Afonso Franco editariam as primeiras panorâmicas de Portalegre em postais. Nestas duas fotos (n.º 1 e n.º 2) estão os elementos visuais mais fortes para quem vê Portalegre da serra, cá em baixo a espraiar-se preguiçosamente no vale: a Sé Catedral, o Castelo, o Palácio Amarelo e a Serra da Penha, recortados contra a vasta planície a perder de vista. Gerações de fotógrafos profissionais e amadores têm vindo a fotografar Portalegre deste mesmo ponto, sendo talvez o ângulo mais fotogénico da cidade. A outra (n.º 3) retrata o Monte da Penha, tomada provavelmente de uma das torres do Castelo, de um ponto onde o and works of art, all of which we sense as being very complex in view of the resources available at the time. Only three of the thirteen photographs do not include the human figure, being simply descriptions of the landmarks. The other ten display what appears to be rather more a staging of numerous actors strategically placed in the environment, the stage, each performing his or her part. Very few persons appear to be there by accident, only the lookers-on almost on their way out of the frame, or persons going about their business far from the lens. The themes are those of the most representative features of the Portalegre of the time, genuine clichés which probably influenced many a postcard producer who would later return to the same scenarios, from the same viewpoints. The three photographs without persons were taken from a high vantage point. Two of them are actually a sequence, with the camera placed on the same spot the Belvedere of St. Christopher and trained on two adjoining angles. The idea was in all likelihood to compose a panoramic view with two photos placed sequentially, but the technology for this was still embryonic. It was only a few years later, in the early 1900s, that two Portalegran publishers Anselmo Augusto Oliveira e António Afonso Franco - published the first panoramic views of Portalegre in postcard form. These two photos (nos. 1 and 2) present the most striking visual features of Portalegre seen from the mountains, lazily unrolling in the valley below: the Cathedral, the Castle, the Yellow Palace and Penha Mountains, rising up from the vast plain stretching out as far as the horizon. Generations of professional and amateur photographers have over time photographed Portalegre from this same spot, this being arguably the most photogenic view of the town. 19

Preposições em Inglês: www.napontadalingua.hd1.com.br

Preposições em Inglês: www.napontadalingua.hd1.com.br Preposições na língua inglesa geralmente vem antes de substantivos (algumas vezes também na frente de verbos no gerúndio). Algumas vezes é algo difícil de se entender para os alunos de Inglês pois a tradução

Leia mais

Welcome to Lesson A of Story Time for Portuguese

Welcome to Lesson A of Story Time for Portuguese Portuguese Lesson A Welcome to Lesson A of Story Time for Portuguese Story Time is a program designed for students who have already taken high school or college courses or students who have completed other

Leia mais

Guião A. Descrição das actividades

Guião A. Descrição das actividades Proposta de Guião para uma Prova Grupo: Ponto de Encontro Disciplina: Inglês, Nível de Continuação, 11.º ano Domínio de Referência: Um Mundo de Muitas Culturas Duração da prova: 15 a 20 minutos 1.º MOMENTO

Leia mais

Inglês. Guião. Teste Intermédio de Inglês. Parte IV Interação oral em pares. Teste Intermédio

Inglês. Guião. Teste Intermédio de Inglês. Parte IV Interação oral em pares. Teste Intermédio Teste Intermédio de Inglês Parte IV Interação oral em pares Teste Intermédio Inglês Guião Duração do Teste: 10 a 15 minutos De 25.02.2013 a 10.04.2013 9.º Ano de Escolaridade D TI de Inglês Página 1/ 7

Leia mais

Guião M. Descrição das actividades

Guião M. Descrição das actividades Proposta de Guião para uma Prova Grupo: Inovação Disciplina: Inglês, Nível de Continuação, 11.º ano Domínio de Referência: O Mundo do trabalho Duração da prova: 15 a 20 minutos 1.º MOMENTO Guião M Intervenientes

Leia mais

In this lesson we will review essential material that was presented in Story Time Basic

In this lesson we will review essential material that was presented in Story Time Basic Portuguese Lesson 1 Welcome to Lesson 1 of Story Time for Portuguese Story Time is a program designed for students who have already taken high school or college courses or students who have completed other

Leia mais

GUIÃO A. Ano: 9º Domínio de Referência: O Mundo do Trabalho. 1º Momento. Intervenientes e Tempos. Descrição das actividades

GUIÃO A. Ano: 9º Domínio de Referência: O Mundo do Trabalho. 1º Momento. Intervenientes e Tempos. Descrição das actividades Ano: 9º Domínio de Referência: O Mundo do Trabalho GUIÃO A 1º Momento Intervenientes e Tempos Descrição das actividades Good morning / afternoon / evening, A and B. For about three minutes, I would like

Leia mais

Bárbara Rodrigues da Silva 3ALEN, 2015

Bárbara Rodrigues da Silva 3ALEN, 2015 Pets reality There are about 30 millions abandoned pets only in Brazil. Among these amount, about 10 millions are cats and the other 20 are dogs, according to WHO (World Health Organization). In large

Leia mais

Intellectual Property. IFAC Formatting Guidelines. Translated Handbooks

Intellectual Property. IFAC Formatting Guidelines. Translated Handbooks Intellectual Property IFAC Formatting Guidelines Translated Handbooks AUTHORIZED TRANSLATIONS OF HANDBOOKS PUBLISHED BY IFAC Formatting Guidelines for Use of Trademarks/Logos and Related Acknowledgements

Leia mais

Prova Escrita de Inglês

Prova Escrita de Inglês PROVA DE EQUIVALÊNCIA À FREQUÊNCIA Decreto-Lei nº 139/2012, de 5 de julho Prova Escrita de Inglês 6º Ano de Escolaridade Prova 06 / 2.ª Fase 7 Páginas Duração da Prova: 90 minutos. 2014 Prova 06/ 2.ª F.

Leia mais

[E F@BULATIONS / E F@BULAÇÕES

[E F@BULATIONS / E F@BULAÇÕES EXPOSIÇÃO BONECAS EXHIBITION DOLLS 6 A BONECA ANTIGA FRANCESA SÉC. XIX Maria João Pires Faculdade de Letras Universidade do Porto Apesar de o coleccionismo de bonecas se ter desenvolvido logo no século

Leia mais

NOTA: Professor(a): Bispo, Suzamara Apª de Souza Nome: n.º 3º Web. 3ª Postagem Exercícios de reposição ( listening )

NOTA: Professor(a): Bispo, Suzamara Apª de Souza Nome: n.º 3º Web. 3ª Postagem Exercícios de reposição ( listening ) Professor(a): Bispo, Suzamara Apª de Souza Nome: n.º 3º Web Barueri, / / 2009 Trimestre: 3ª Postagem Exercícios de reposição ( listening ) NOTA: ACTIVITY ONE: Put the verses in order according to what

Leia mais

Conteúdo Programático Anual

Conteúdo Programático Anual INGLÊS 1º BIMESTRE 5ª série (6º ano) Capítulo 01 (Unit 1) What s your name? What; Is; My, you; This; Saudações e despedidas. Capítulo 2 (Unit 2) Who s that? Who; This, that; My, your, his, her; Is (afirmativo,

Leia mais

WORKING CHILDREN. a) How many children in Britain have part-time jobs?. b) What do many Asian children do to make money in Britain?.

WORKING CHILDREN. a) How many children in Britain have part-time jobs?. b) What do many Asian children do to make money in Britain?. Part A I. TEXT. WORKING CHILDREN Over a million school children in Britain have part-time Jobs. The number is growing, too. More and more teenagers are working before school, after school or on weekends.

Leia mais

GUIÃO Domínio de Referência: CIDADANIA E MULTICULTURALISMO

GUIÃO Domínio de Referência: CIDADANIA E MULTICULTURALISMO PROJECTO PROVAS EXPERIMENTAIS DE EXPRESSÃO ORAL DE LÍNGUA ESTRANGEIRA - 2005-2006 Ensino Secundário - Inglês, 12º ano - Nível de Continuação 1 1º Momento GUIÃO Domínio de Referência: CIDADANIA E MULTICULTURALISMO

Leia mais

A tangibilidade de um serviço de manutenção de elevadores

A tangibilidade de um serviço de manutenção de elevadores A tangibilidade de um serviço de manutenção de elevadores Tese de Mestrado em Gestão Integrada de Qualidade, Ambiente e Segurança Carlos Fernando Lopes Gomes INSTITUTO SUPERIOR DE EDUCAÇÃO E CIÊNCIAS Fevereiro

Leia mais

WWW.ADINOEL.COM Adinoél Sebastião /// Inglês Tradução Livre 74/2013

WWW.ADINOEL.COM Adinoél Sebastião /// Inglês Tradução Livre 74/2013 PASSO A PASSO DO DYNO Ao final desse passo a passo você terá o texto quase todo traduzido. Passo 1 Marque no texto as palavras abaixo. (decore essas palavras, pois elas aparecem com muita frequência nos

Leia mais

Descrição das actividades

Descrição das actividades Proposta de Guião para uma Prova Grupo: Em Acção Disciplina: Inglês, Nível de Continuação, 11.º ano Domínio de Referência: O Mundo do Trabalho Duração da prova: 15 a 20 minutos Guião D 1.º MOMENTO Intervenientes

Leia mais

Inglês 12 Present perfect continuous

Inglês 12 Present perfect continuous Inglês 12 Present perfect continuous Este tempo é ligeiramente diferente do Present Perfect. Nele, notamos a presença do TO BE na forma BEEN, ou seja, no particípio. Conseqüentemente, nota-se também a

Leia mais

Visitor, is this is very important contact with you. WATH DO WE HERE?

Visitor, is this is very important contact with you. WATH DO WE HERE? Visitor, is this is very important contact with you. I m Gilberto Martins Loureiro, Piraí s Senior Age Council President, Rio de Janeiro State, Brazil. Our city have 26.600 habitants we have 3.458 senior

Leia mais

01-A GRAMMAR / VERB CLASSIFICATION / VERB FORMS

01-A GRAMMAR / VERB CLASSIFICATION / VERB FORMS 01-A GRAMMAR / VERB CLASSIFICATION / VERB FORMS OBS1: Adaptação didática (TRADUÇÃO PARA PORTUGUÊS) realizada pelo Prof. Dr. Alexandre Rosa dos Santos. OBS2: Textos extraídos do site: http://www.englishclub.com

Leia mais

LENÇÓIS ESQUECIDOS NO RIO VERMELHO INTERVENÇÃO URBANA

LENÇÓIS ESQUECIDOS NO RIO VERMELHO INTERVENÇÃO URBANA 572 LENÇÓIS ESQUECIDOS NO RIO VERMELHO INTERVENÇÃO URBANA Selma Parreira t r a v e s s i a s e d. 1 0 i s s n 1 9 8 2-5 9 3 5 As fotos registram a intervenção urbana, site specific que aconteceu no leito

Leia mais

Português 207 Portuguese for Business

Português 207 Portuguese for Business Português 207 Portuguese for Business Spring 2012: Porugal and the EU Instructor: Jared Hendrickson Office: 1149 Van Hise Office Hours: Monday and Thursday, 11:00 am-12:00 pm e-mail: jwhendrickso@wisc.edu

Leia mais

Colégio de Aplicação UFRGS. Name: Group:

Colégio de Aplicação UFRGS. Name: Group: Present Perfect: FOOD for THOUGHT Colégio de Aplicação UFRGS Name: Group: Present Perfect Simple Os Perfect Tenses são formados com o presente simples do verbo to have (have / has), que, neste caso, funciona

Leia mais

LÍNGUA INGLESA CONTEÚDO E HABILIDADES DINÂMICA LOCAL INTERATIVA AULA. Conteúdo: Reading - Typographic Marks

LÍNGUA INGLESA CONTEÚDO E HABILIDADES DINÂMICA LOCAL INTERATIVA AULA. Conteúdo: Reading - Typographic Marks Conteúdo: Reading - Typographic Marks Habilidades: Utilizar as Marcas Tipográficas para facilitar a compreensão e também chamar a atenção do leitor. Typographic Marks O que são marcas tipográficas? As

Leia mais

Exercícios extras. Na aula de hoje, você deverá arregaçar as

Exercícios extras. Na aula de hoje, você deverá arregaçar as Exercícios extras Assunto do dia Na aula de hoje, você deverá arregaçar as mangas e entrar de cabeça nos exercícios extras, que têm como tema tudo que vimos nas aulas do Segundo Grau. Atenção: 3, 2, 1...

Leia mais

UNIVERSITY OF CAMBRIDGE INTERNATIONAL EXAMINATIONS International General Certificate of Secondary Education

UNIVERSITY OF CAMBRIDGE INTERNATIONAL EXAMINATIONS International General Certificate of Secondary Education UNIVERSITY OF CAMBRIDGE INTERNATIONAL EXAMINATIONS International General Certificate of Secondary Education *5148359301* PORTUGUESE 0540/03 Paper 3 Speaking Role Play Card One 1 March 30 April 2013 No

Leia mais

PRESENT PERFECT. ASPECTOS A SEREM CONSIDERADOS: 1. Não existe este tempo verbal na Língua Portuguesa;

PRESENT PERFECT. ASPECTOS A SEREM CONSIDERADOS: 1. Não existe este tempo verbal na Língua Portuguesa; ASPECTOS A SEREM CONSIDERADOS: 1. Não existe este tempo verbal na Língua Portuguesa; 2. Associa-se o Present Perfect entre uma ação do passado que tenha uma relação com o presente; My life has changed

Leia mais

NEWSLETTER 20 Outubro, 2012 / October 20, 2012 (pages 1 > 10) Exposições na Galeria / Gallery shows. Exposição actual / Current show

NEWSLETTER 20 Outubro, 2012 / October 20, 2012 (pages 1 > 10) Exposições na Galeria / Gallery shows. Exposição actual / Current show GALERIA PEDRO OLIVEIRA CALÇADA DE MONCHIQUE, 3 TEL +351 222 007 131 gpo@galeriapedrooliveira.com 4050-393 PORTO PORTUGAL FAX +351 222 002 334 www.galeriapedrooliveira.com NEWSLETTER 20 Outubro, 2012 /

Leia mais

UNIVERSITY OF CAMBRIDGE INTERNATIONAL EXAMINATIONS International General Certificate of Secondary Education PORTUGUESE 0540/03

UNIVERSITY OF CAMBRIDGE INTERNATIONAL EXAMINATIONS International General Certificate of Secondary Education PORTUGUESE 0540/03 UNIVERSITY OF CAMBRIDGE INTERNATIONAL EXAMINATIONS International General Certificate of Secondary Education PORTUGUESE 0540/03 Paper 3 Speaking/Listening Role Play Card One No Additional Materials are

Leia mais

Teoria Económica Clássica e Neoclássica

Teoria Económica Clássica e Neoclássica Teoria Económica Clássica e Neoclássica Nuno Martins Universidade dos Açores Jornadas de Estatística Regional 29 de Novembro, Angra do Heroísmo, Portugal Definição de ciência económica Teoria clássica:

Leia mais

Searching for Employees Precisa-se de Empregados

Searching for Employees Precisa-se de Empregados ALIENS BAR 1 Searching for Employees Precisa-se de Empregados We need someone who can prepare drinks and cocktails for Aliens travelling from all the places in our Gallaxy. Necessitamos de alguém que possa

Leia mais

Aqui pode escolher o Sistema operativo, e o software. Para falar, faça download do Cliente 2.

Aqui pode escolher o Sistema operativo, e o software. Para falar, faça download do Cliente 2. TeamSpeak PORTUGUES ENGLISH Tutorial de registo num servidor de TeamSpeak Registration tutorial for a TeamSpeak server Feito por [WB ].::B*A*C*O::. membro de [WB ] War*Brothers - Non Dvcor Dvco Made by:

Leia mais

NORMAS PARA AUTORES. As normas a seguir descritas não dispensam a leitura do Regulamento da Revista Portuguesa de Marketing, disponível em www.rpm.pt.

NORMAS PARA AUTORES. As normas a seguir descritas não dispensam a leitura do Regulamento da Revista Portuguesa de Marketing, disponível em www.rpm.pt. NORMAS PARA AUTORES As normas a seguir descritas não dispensam a leitura do Regulamento da Revista Portuguesa de Marketing, disponível em www.rpm.pt. COPYRIGHT Um artigo submetido à Revista Portuguesa

Leia mais

Cultural Identity of Young Volunteers Differences and understanding Empowering People. Volunteer Profile Questionnaire

Cultural Identity of Young Volunteers Differences and understanding Empowering People. Volunteer Profile Questionnaire Volunteer Profile Questionnaire 1 Índice 1 VOLUNTEER PROFILE QUESTIONNAIRE... 1.1 Country... 1. AGE... 1. GENDER... 1..1 GENDER vs... 1. Qualification... 1..1 QUALIFICATION GREECE VS PORTUGAL... 1. Are

Leia mais

COMANDO DA AERONÁUTICA ESCOLA DE ESPECIALISTAS DE AERONÁUTICA SUBDIVISÃO DE ADMISSÃO E DE SELEÇÃO

COMANDO DA AERONÁUTICA ESCOLA DE ESPECIALISTAS DE AERONÁUTICA SUBDIVISÃO DE ADMISSÃO E DE SELEÇÃO Questão: 26 30 41 A questão 26 do código 02, que corresponde à questão 30 do código 04 e à questão 41 do código 06 Nº de Inscrição: 2033285 2041257 2030195 2033529 2032517 2080361 2120179 2120586 2037160

Leia mais

GUIÃO A. What about school? What s it like to be there/here? Have you got any foreign friends? How did you get to know them?

GUIÃO A. What about school? What s it like to be there/here? Have you got any foreign friends? How did you get to know them? GUIÃO A Prova construída pelos formandos e validada pelo GAVE, 1/7 Grupo: Chocolate Disciplina: Inglês, Nível de Continuação 11.º ano Domínio de Referência: Um Mundo de Muitas Culturas 1º Momento Intervenientes

Leia mais

o seu futuro apartamento em Albufeira your future apartment in Albufeira

o seu futuro apartamento em Albufeira your future apartment in Albufeira Praialgarve, SA Praia da Oura, Apartado 827 8200-911 Albufeira Tel.: +351 289 543 108 freeholdsales@leisuredimensions.com http://www.petcheyleisure.com/bayview/ o seu futuro apartamento em Albufeira your

Leia mais

3 o ANO ENSINO MÉDIO. Prof. a Christiane Mourão Prof. a Cláudia Borges

3 o ANO ENSINO MÉDIO. Prof. a Christiane Mourão Prof. a Cláudia Borges 3 o ANO ENSINO MÉDIO Prof. a Christiane Mourão Prof. a Cláudia Borges Unidade II Science Health and nature 2 Aula 5.1 Conteúdos Phrasal Verbs in texts 3 Habilidade Identificar os phrasal verbs em textos

Leia mais

Prova Oral de Inglês Duração da Prova: 20 a 25 minutos 2013/2014. 1.º Momento. 4 (A), are you a health-conscious person?

Prova Oral de Inglês Duração da Prova: 20 a 25 minutos 2013/2014. 1.º Momento. 4 (A), are you a health-conscious person? Prova Oral de Inglês Duração da Prova: 20 a 25 minutos 2013/2014 GUIÃO A Disciplina: Inglês, Nível de Continuação 11.º ano Domínio de Referência: O Mundo do Trabalho 1.º Momento Intervenientes e Tempos

Leia mais

Câmbio MONEY CHANGER. I d like to exchange some money. Gostaria de cambiar um pouco de dinheiro. Where can I find a money changer?

Câmbio MONEY CHANGER. I d like to exchange some money. Gostaria de cambiar um pouco de dinheiro. Where can I find a money changer? MONEY CHANGER Câmbio I d like to exchange some money. Where can I find a money changer? Gostaria de cambiar um pouco de dinheiro. Onde posso encontrar um câmbio? I d like to exchange (I would) Where can

Leia mais

AT A HOTEL NO HOTEL. I d like to stay near the station. Can you suggest a cheaper hotel? Poderia sugerir um hotel mais barato?

AT A HOTEL NO HOTEL. I d like to stay near the station. Can you suggest a cheaper hotel? Poderia sugerir um hotel mais barato? I d like to stay near the station. Can you suggest a cheaper hotel? Gostaria de ficar por perto da estação. Poderia sugerir um hotel mais barato? I d like to stay near the station. (I would ) in a cheaper

Leia mais

Perguntas & Respostas

Perguntas & Respostas Perguntas & Respostas 17 de Abril de 2008 Versão Portuguesa 1. O que é uma Certidão Permanente?...4 2. Como posso ter acesso a uma Certidão Permanente?...4 3. Onde posso pedir uma Certidão Permanente?...4

Leia mais

Dedico este trabalho às minhas filhas à minha esposa pelo apoio em todos os projetos. iii

Dedico este trabalho às minhas filhas à minha esposa pelo apoio em todos os projetos. iii Dedico este trabalho às minhas filhas à minha esposa pelo apoio em todos os projetos. iii Agradecimentos Um trabalho destes só é possível com a colaboração, participação e esforço conjugado de um elevado

Leia mais

BR-EMS MORTALITY AND SUVIVORSHIP LIFE TABLES BRAZILIAN LIFE INSURANCE AND PENSIONS MARKET

BR-EMS MORTALITY AND SUVIVORSHIP LIFE TABLES BRAZILIAN LIFE INSURANCE AND PENSIONS MARKET BR-EMS MORTALITY AND SUVIVORSHIP LIFE TABLES BRAZILIAN LIFE INSURANCE AND PENSIONS MARKET 2015 1 e-mail:mario@labma.ufrj.br Tables BR-EMS, mortality experience of the Brazilian Insurance Market, were constructed,

Leia mais

UNIVERSIDADE DE SÃO PAULO FACULDADE DE EDUCAÇÃO JOÃO FÁBIO PORTO. Diálogo e interatividade em videoaulas de matemática

UNIVERSIDADE DE SÃO PAULO FACULDADE DE EDUCAÇÃO JOÃO FÁBIO PORTO. Diálogo e interatividade em videoaulas de matemática UNIVERSIDADE DE SÃO PAULO FACULDADE DE EDUCAÇÃO JOÃO FÁBIO PORTO Diálogo e interatividade em videoaulas de matemática São Paulo 2010 JOÃO FÁBIO PORTO Diálogo e interatividade em videoaulas de matemática

Leia mais

ACFES MAIORES DE 23 ANOS INGLÊS. Prova-modelo. Instruções. Verifique se o exemplar da prova está completo, isto é, se termina com a palavra FIM.

ACFES MAIORES DE 23 ANOS INGLÊS. Prova-modelo. Instruções. Verifique se o exemplar da prova está completo, isto é, se termina com a palavra FIM. ACFES MAIORES DE 23 ANOS INGLÊS Prova-modelo Instruções Verifique se o exemplar da prova está completo, isto é, se termina com a palavra FIM. A prova é avaliada em 20 valores (200 pontos). A prova é composta

Leia mais

GRAU DE ADJETIVOS E ADVÉRBIOS

GRAU DE ADJETIVOS E ADVÉRBIOS Aula9 GRAU DE ADJETIVOS E ADVÉRBIOS META Os alunos terão a compreensão e entendimento da classificação dos adjetivos e advérbios nos graus de comparativo e superlativo na leitura em língua inglesa OBJETIVOS

Leia mais

PRESENT PERFECT. She has ( *She's) lost her passport. ( Ela perdeu o passaporte dela.) Obs: E ainda não o encontrou.

PRESENT PERFECT. She has ( *She's) lost her passport. ( Ela perdeu o passaporte dela.) Obs: E ainda não o encontrou. PRESENT PERFECT Uso: Ações do passado que carregam certa importância ou conexão com o Presente; Ações que aconteceram em um período recente no passado, sem que tenhamos que especificar o momento em ocorreram;

Leia mais

Dependent Clauses ( Orações Subordinadas)

Dependent Clauses ( Orações Subordinadas) www.blogpensandoemingles.com www.facebook.com/pensandoeminglesblog Dependent Clauses ( Orações Subordinadas) Para entendermos melhor este assunto será necessário observarmos como ele funciona em português.

Leia mais

JOSE GABRIEL REGO. Resumo. Especializações. Experiência. Assistant Card Manager at Grupo Banco Popular jgrego@netcabo.pt

JOSE GABRIEL REGO. Resumo. Especializações. Experiência. Assistant Card Manager at Grupo Banco Popular jgrego@netcabo.pt JOSE GABRIEL REGO jgrego@netcabo.pt Resumo My main objective is to develop my career in order to deepen the experience I accumulated over the years based in the development of practical and theoretical

Leia mais

Inglês 11 The Present Perfect.

Inglês 11 The Present Perfect. Inglês 11 The Present Perfect. O Present Perfect é um tempo verbal em inglês que mostra uma ação que ocorreu no passado, mas os efeitos estão no presente. My grandfather has recovered from his illness.

Leia mais

Criança e jornalismo: um estudo sobre as relações entre crianças e mídia impressa especializada infantil

Criança e jornalismo: um estudo sobre as relações entre crianças e mídia impressa especializada infantil Josy Fischberg Criança e jornalismo: um estudo sobre as relações entre crianças e mídia impressa especializada infantil Dissertação de Mestrado Dissertação apresentada como requisito parcial para obtenção

Leia mais

Prova de Seleção Mestrado LINGUA INGLESA 15/02/2016

Prova de Seleção Mestrado LINGUA INGLESA 15/02/2016 Prova de Seleção Mestrado LINGUA INGLESA 15/02/2016 Instruções aos candidatos: (1) Preencher somente o número de inscrição em todas as folhas. (2) Usar caneta preta ou azul. 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12

Leia mais

ESCOLA ESTADUAL DR. JOSÉ MARQUES DE OLIVEIRA - ANO 2013 TRABALHO DE ESTUDOS INDEPENDENTES

ESCOLA ESTADUAL DR. JOSÉ MARQUES DE OLIVEIRA - ANO 2013 TRABALHO DE ESTUDOS INDEPENDENTES ESCOLA ESTADUAL DR. JOSÉ MARQUES DE OLIVEIRA - ANO 2013 TRABALHO DE ESTUDOS INDEPENDENTES Nome Nº Turma 7º Data 04/02/14 Nota Disciplina Recuperação Anual LÌNGUA INGLESA - TRABALHO Prof. RITA DE CÁSSIA

Leia mais

Centro Educacional Brasil Central Nível: Educação Básica Modalidade: Educação de Jovens e Adultos a Distância Etapa: Ensino Médio APOSTILA DE INGLÊS

Centro Educacional Brasil Central Nível: Educação Básica Modalidade: Educação de Jovens e Adultos a Distância Etapa: Ensino Médio APOSTILA DE INGLÊS Centro Educacional Brasil Central Nível: Educação Básica Modalidade: Educação de Jovens e Adultos a Distância Índice APOSTILA DE INGLÊS Módulo I - EXPRESSÕES PARA USO COTIDIANO - SUBJECT PRONOUNS - VERBO

Leia mais

How are you? Activity 01 Warm up. Activity 02 Catch! Objective. Procedure. Objective. Preparation. Procedure. To warm-up and practice greetings.

How are you? Activity 01 Warm up. Activity 02 Catch! Objective. Procedure. Objective. Preparation. Procedure. To warm-up and practice greetings. Activity 01 Warm up Objective To warm-up and practice greetings. 1. Make sure you re in the room before the Ss. 2. Greet Ss as they enter the room using How are you?, How are you doing?, What s up?. 3.

Leia mais

Bem-vindo ao Inspector Stone uma produção da BBC Learning. Vamos começar o espetáculo.

Bem-vindo ao Inspector Stone uma produção da BBC Learning. Vamos começar o espetáculo. The case of the missing ring Script: part three A transcrição abaixo não é uma cópia fiel do áudio. Apresentadora: Bem-vindo ao Inspector Stone uma produção da BBC Learning English. Série 1 o caso da aliança

Leia mais

Trabalho de Compensação de Ausência - 1º Bimestre

Trabalho de Compensação de Ausência - 1º Bimestre Educação Infantil, Ensino Fundamental e Ensino Médio Regular. Rua Cantagalo 313, 325, 337 e 339 Tatuapé Fones: 2293-9393 e 2293-9166 Diretoria de Ensino Região LESTE 5 Trabalho de Compensação de Ausência

Leia mais

A INFLUÊNCIA DA MÚSICA NO ENSINO DA LÍNGUA INGLESA

A INFLUÊNCIA DA MÚSICA NO ENSINO DA LÍNGUA INGLESA 1. Introdução A INFLUÊNCIA DA MÚSICA NO ENSINO DA LÍNGUA INGLESA Jhonatas Garagnani de Souza (G- CLCA - UENP-CJ/CJ) Juliano César Teixeira (G- CLCA UENP/CJ) Paula Fernanda L. de Carvalho (G- CLCA -UENP-CJ-CJ)

Leia mais

PROGRAM FOR 3 DAYS in Faial and S. Jorge Islands, Azores

PROGRAM FOR 3 DAYS in Faial and S. Jorge Islands, Azores PROGRAM FOR 3 DAYS in Faial and S. Jorge Islands, Azores THIS PROGRAM AIMS TO TOAST OUR CUSTOMERS WITH THE OPPORTUNITY TO DISCOVER AND EXPLORE THE FAIAL AND S. JORGE ISLANDS. WE HAVE A WIDE RANGE OF CULTURAL

Leia mais

What is Bullying? Bullying is the intimidation or mistreating of weaker people. This definition includes three important components:1.

What is Bullying? Bullying is the intimidation or mistreating of weaker people. This definition includes three important components:1. weaker people. This definition includes three important components:1. Bullying is aggressive behavior that involves unwanted, negative actions. 2. Bullying involves a pattern of behavior repeated over

Leia mais

SUMÁRIO VOLUME 1 LÍNGUA INGLESA

SUMÁRIO VOLUME 1 LÍNGUA INGLESA SUMÁRIO VOLUME 1 "No mar tanta tormenta e dano, Tantas vezes a morte apercebida, Na terra, tanta guerra, tanto engano, Tanta necessidade aborrecida." Os Lusíadas, p. 106, Luís Vaz de Camões Lesson 1 -

Leia mais

Lição 24: Preposições de tempo. Como usar preposições de tempo.

Lição 24: Preposições de tempo. Como usar preposições de tempo. Lesson 24: Prepositions of Time (in, on, at, for, during, before, after) Lição 24: Preposições de tempo Como usar preposições de tempo. Reading (Leituras) I was born in 2000. (Eu nasci em 2000.) We work

Leia mais

ENSINO MÉDIO 1. MEMBROS DA FAMÍLIA 2. ALIMENTOS 3. DIAS DA SEMANA 4. MESES 5. ESTAÇÕES DO ANO 6. NUMERAIS CARDINAIS E ORDINAIS

ENSINO MÉDIO 1. MEMBROS DA FAMÍLIA 2. ALIMENTOS 3. DIAS DA SEMANA 4. MESES 5. ESTAÇÕES DO ANO 6. NUMERAIS CARDINAIS E ORDINAIS SÍNTESE DA AULA DE INGLÊS ENSINO MÉDIO I VOCABULÁRIO IMPORTANTE: 1. MEMBROS DA FAMÍLIA 2. ALIMENTOS 3. DIAS DA SEMANA 4. MESES 5. ESTAÇÕES DO ANO 6. NUMERAIS CARDINAIS E ORDINAIS II - PERSONAL PRONOUNS

Leia mais

User interface evaluation experiences: A brief comparison between usability and communicability testing

User interface evaluation experiences: A brief comparison between usability and communicability testing User interface evaluation experiences: A brief comparison between usability and communicability testing Kern, Bryan; B.S.; The State University of New York at Oswego kern@oswego.edu Tavares, Tatiana; PhD;

Leia mais

Responsabilidade Social no Ensino em Administração: um estudo exploratório sobre a visão dos estudantes de graduação

Responsabilidade Social no Ensino em Administração: um estudo exploratório sobre a visão dos estudantes de graduação Renata Céli Moreira da Silva Responsabilidade Social no Ensino em Administração: um estudo exploratório sobre a visão dos estudantes de graduação Dissertação de Mestrado Dissertação apresentada ao Programa

Leia mais

Phrasal Verbs, What for?

Phrasal Verbs, What for? Phrasal Verbs, What for? Um dos maiores problemas que o estudante da língua inglesa enfrenta para entender conversas cotidianas, filmes ou músicas em inglês é o uso dos chamados Phrasal Verbs, que tornam

Leia mais

SEYMOUR PAPERT Vida e Obra

SEYMOUR PAPERT Vida e Obra SEYMOUR PAPERT Vida e Obra Eva Firme Joana Alves Núria Costa 1 de Março de 1928 -EUA Activista - movimento anti-apartheid 1954-1958 - Universidade de Cambridge (matemática). 1958-1963 - Centro de Epistemologia

Leia mais

WWW.ADINOEL.COM Adinoél Sebastião /// Inglês Tradução Livre 75/2013

WWW.ADINOEL.COM Adinoél Sebastião /// Inglês Tradução Livre 75/2013 PASSO A PASSO DO DYNO Ao final desse passo a passo você terá o texto quase todo traduzido. Passo 1 Marque no texto as palavras abaixo. (decore essas palavras, pois elas aparecem com muita frequência nos

Leia mais

Verbs - Simple Tenses

Verbs - Simple Tenses Inglês Prof. Davi Verbs - Simple Tenses Simple Present Simple Past Simple Future Simple Present - Formação Infinitivo sem o to Ausência do auxiliar (usa-se to do ) Inclusão de s na 3ª pessoa do singular

Leia mais

3 o ANO ENSINO MÉDIO. Prof. a Christiane Mourão Prof. a Cláudia Borges

3 o ANO ENSINO MÉDIO. Prof. a Christiane Mourão Prof. a Cláudia Borges 3 o ANO ENSINO MÉDIO Prof. a Christiane Mourão Prof. a Cláudia Borges Avaliação da unidade III Pontuação: 7,5 pontos 2 LEIA O TEXTO A SEGUIR E RESPONDA AS QUESTÕES 1 E 2. Does the color red really make

Leia mais

Inglês 22 Passive Voice

Inglês 22 Passive Voice Inglês 22 Passive Voice A voz passiva é muito utilizada em inglês. Por sorte, ela não é difícil de entender. Observe como ela é organizada. To be + Participle = Passive Usando-se então o verbo to be, em

Leia mais

Hotel Cruz Alta Repouse com serenidade e conforto / Rest with serenity and comfort

Hotel Cruz Alta Repouse com serenidade e conforto / Rest with serenity and comfort A MAIOR OFERTA hoteleira em fátima FATIMA S LARGEST HOTEL GROUP Localização / Location (N39 o 37 42 W8 o 40 30 ) Junto ao jardins do Santuário de Fátima e da nova Basílica da Santíssima Trindade muita

Leia mais

Erasmus Student Work Placement

Erasmus Student Work Placement Erasmus Student Work Placement EMPLOYER INFORMATION Name of organisation Address Post code Country SPORT LISBOA E BENFICA AV. GENERAL NORTON DE MATOS, 1500-313 LISBOA PORTUGAL Telephone 21 721 95 09 Fax

Leia mais

Guia de conversação básica em inglês

Guia de conversação básica em inglês 2013 Guia de conversação básica em inglês Centercon Av. Dom Pedro I, 2.053 8º andar (31) 3304-2862 SUMÁRIO 1 CUMPRIMENTOS...3 2 APRESENTAÇÕES...3 3 COMEÇANDO UMA CONVERSA...3 4 DESPEDIDAS...4 5 AGRADECENDO...4

Leia mais

CONSTRUÍDO NO INÍCIO DO SÉCULO XX

CONSTRUÍDO NO INÍCIO DO SÉCULO XX CONSTRUÍDO NO INÍCIO DO SÉCULO XX O edifício Square 53 foi construído no princípio do século XX, no que costumava ser conhecido como o Passeio Público de Lisboa, mais concretamente na zona que ligava a

Leia mais

TUTORIA INTERCULTURAL NUM CLUBE DE PORTUGUÊS

TUTORIA INTERCULTURAL NUM CLUBE DE PORTUGUÊS UNIVERSIDADE DE LISBOA FACULDADE DE PSICOLOGIA E DE CIÊNCIAS DA EDUCAÇÃO TUTORIA INTERCULTURAL NUM CLUBE DE PORTUGUÊS SANDRA MARIA MORAIS VALENTE DISSERTAÇÃO DE MESTRADO EM CIÊNCIAS DA EDUCAÇÃO Área de

Leia mais

ACTIVE VOICE X PASSIVE VOICE

ACTIVE VOICE X PASSIVE VOICE www.blogpensandoemingles.com www.facebook.com/pensandoeminglesblog O que é? ACTIVE VOICE X PASSIVE VOICE Active Voice ( Voz Ativa): Ocorre quando o sujeito pratica a ação, e é chamado de agente. Ex: Robert

Leia mais

2 Categorias Categories Todas as categorias de actividade são apresentadas neste espaço All activity categories are presented in this space

2 Categorias Categories Todas as categorias de actividade são apresentadas neste espaço All activity categories are presented in this space 1 Próximas Actividades Next Activities Visualiza as próximas actividades a ter inicio, com a indicação do tempo restante Displays upcoming activities and indicating the remaining time 2 Categorias Categories

Leia mais

Inglês 17 Past Perfect

Inglês 17 Past Perfect Inglês 17 Past Perfect O Past Perfect é um tempo verbal utilizado quando temos duas ações que ocorreram no passado, porém uma delas ocorreu antes da outra. When you called, she had just received the bad

Leia mais

Serviços: API REST. URL - Recurso

Serviços: API REST. URL - Recurso Serviços: API REST URL - Recurso URLs reflectem recursos Cada entidade principal deve corresponder a um recurso Cada recurso deve ter um único URL Os URLs referem em geral substantivos URLs podem reflectir

Leia mais

Normas Gráficas do Símbolo e Logótipo aicep Portugal Global aicep Portugal Global Symbol and Logo Graphic Guidelines Capítulo 1 Chapter 1

Normas Gráficas do Símbolo e Logótipo aicep Portugal Global aicep Portugal Global Symbol and Logo Graphic Guidelines Capítulo 1 Chapter 1 Normas Gráficas do Símbolo e Logótipo aicep Portugal Global aicep Portugal Global Symbol and Logo Graphic Guidelines Capítulo 1 Chapter 1 Introdução Introduction Normas Gráficas Este manual fornece os

Leia mais

make a decision ANÁLISE EXEMPLO decide/choose

make a decision ANÁLISE EXEMPLO decide/choose make a decision decide/choose A expressão make a decision significa tomar uma decisão. O verbo make é utilizado aqui porque a decisão não existe ainda, ou seja, não é algo que será executado, mas sim algo

Leia mais

Como dizer quanto tempo leva para em inglês?

Como dizer quanto tempo leva para em inglês? Como dizer quanto tempo leva para em inglês? Você já se pegou tentando dizer quanto tempo leva para em inglês? Caso ainda não tenha entendido do que estou falando, as sentenças abaixo ajudarão você a entender

Leia mais

75, 8.º DTO 1250-068 LISBOA

75, 8.º DTO 1250-068 LISBOA EAbrief: Medida de incentivo ao emprego mediante o reembolso da taxa social única EAbrief: Employment incentive measure through the unique social rate reimbursement Portaria n.º 229/2012, de 03 de Agosto

Leia mais

THE SIMPLE FUTURE TENSE

THE SIMPLE FUTURE TENSE C.E. GISNO Subject: ENGLISH Teacher: ANDRÉ MATA Name: Number: Grade: 8 th Date: / / See the examples: 1. I will travel next week. 2. She will travel tomorrow. 3. You will travel in four months. INFINITIVO

Leia mais

62 Christina Oiticica

62 Christina Oiticica Christina Oiticica A arte de Christina Oiticica Todo artista que trabalha na natureza não é um land artist e não se interessa, necessariamente, pela paisagem (G. Tiberghein). Depois da Land Art, vários

Leia mais

1. Out of 61 African territories, of which 53 are independent, how many of them are considered never have been colonized?

1. Out of 61 African territories, of which 53 are independent, how many of them are considered never have been colonized? Africa Em que pensas quando lês a palavra África? Que imagens, pensamentos ou idéias vêm à tua mente? Que preconceitos ou estereótipos constróis em seu torno? Quantos deles são realmente verdade? What

Leia mais

DRIVING BOOK Back Offi ce Front Offi ce Online System

DRIVING BOOK Back Offi ce Front Offi ce Online System DRIVING BOOK Back Office Front Office Online System Front Office 1 2 Start Screen Front Office 1 - Next Activities 2 - Categories - Attention - Find Booking Display upcoming activities to have be- All

Leia mais

VIAGEM A SALVADOR DA BAHIA PDF

VIAGEM A SALVADOR DA BAHIA PDF VIAGEM A SALVADOR DA BAHIA PDF ==> Download: VIAGEM A SALVADOR DA BAHIA PDF VIAGEM A SALVADOR DA BAHIA PDF - Are you searching for Viagem A Salvador Da Bahia Books? Now, you will be happy that at this

Leia mais

Interface between IP limitations and contracts

Interface between IP limitations and contracts Interface between IP limitations and contracts Global Congress on Intellectual Property and the Public Interest Copyright Exceptions Workshop December 16, 9-12:30 Denis Borges Barbosa The issue Clause

Leia mais

Accessing the contents of the Moodle Acessando o conteúdo do Moodle

Accessing the contents of the Moodle Acessando o conteúdo do Moodle Accessing the contents of the Moodle Acessando o conteúdo do Moodle So that all the available files in the Moodle can be opened without problems, we recommend some software that will have to be installed

Leia mais

Organização Sete de Setembro de Cultura e Ensino - LTDA Faculdade Sete de Setembro FASETE Bacharelado em Administração

Organização Sete de Setembro de Cultura e Ensino - LTDA Faculdade Sete de Setembro FASETE Bacharelado em Administração Organização Sete de Setembro de Cultura e Ensino - LTDA Faculdade Sete de Setembro FASETE Bacharelado em Administração VICTOR HUGO SANTANA ARAÚJO ANÁLISE DAS FORÇAS DE PORTER NUMA EMPRESA DO RAMO FARMACÊUTICO:

Leia mais

www.slippers4hotel.com

www.slippers4hotel.com www.slippers4hotel.com SLIPPERS4HOTEL é uma marca inovadora, criada para marcar a diferença no fornecimento de chinelos. Acima de tudo, pretendemos a satisfação dos nossos clientes, pelo que temos grande

Leia mais

My English Language Passport

My English Language Passport My English Language Passport Personal information First name: Address: Surname: Date of birth: First language: Languages spoken: Email address: English learnt at school Type of school Primary school Number

Leia mais

Treinamento para Pais Cidadania digital No Nível Fundamental. Parent Academy Digital Citizenship. At Elementary Level

Treinamento para Pais Cidadania digital No Nível Fundamental. Parent Academy Digital Citizenship. At Elementary Level Parent Academy Digital Citizenship At Elementary Level Treinamento para Pais Cidadania digital No Nível Fundamental Pan American School of Bahia March 18 and 29, 2016 Digital Citizenship Modules Cyberbullying

Leia mais

Hospital Amaral Carvalho (HAC) Jaú. Once upon a time, in a place, far, far away, there was an Oncology Hospital:

Hospital Amaral Carvalho (HAC) Jaú. Once upon a time, in a place, far, far away, there was an Oncology Hospital: Hospital Amaral Carvalho (HAC) Jaú Once upon a time, in a place, far, far away, there was an Oncology Hospital: Hospital Amaral Carvalho (HAC) 1994 Philanthropic Foundation (not a university hospital)

Leia mais

Vaccines for Your Children

Vaccines for Your Children Vaccines for Your Children Vaccines help prevent disease. Babies born in the United States may have their first vaccine right after birth. Future vaccines are given at well child check-ups with your child

Leia mais

COMO PATROCINAR / HOW TO SPONSOR

COMO PATROCINAR / HOW TO SPONSOR INTERNATIONAL MONEY TRANSFER CONFERENCES BRASIL 2014 27 th to 28 th March, 2014 (pre-conference 26 th ) Hotel Golden Tulip / Paulista Plaza - São Paulo, SP - Brasil www.imtcbrasil.com COMO PATROCINAR /

Leia mais