Amazônia e o direito de comunicar 17 a 22 de outubro de Belém/PA

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Amazônia e o direito de comunicar 17 a 22 de outubro de 2011 - Belém/PA"

Transcrição

1 Assessoria de Comunicação Estratégica e Integrada da Faculdade de Comunicação: um projeto de integração entre seus membros e de estratégia quanto ao uso de seus meios 1 Fernanda Danielly Libdy MIRANDA 2 Rosane Maria Albino STEINBRENNER 3 Universidade Federal do Pará, Belém, PA RESUMO Este relato tem por finalidade expor as ações do projeto de extensão Assessoria de Comunicação Estratégica e Integrada da Faculdade de Comunicação (Facom) implantado em 2011, que, sendo fruto do Projeto de Comunicação Integrada da Faculdade de Comunicação (FACOM / UFPA) desenvolvido pelos alunos do penúltimo semestre de Jornalismo da Faculdade de Comunicação em 2007, busca corrigir as deficiências na comunicação, principalmente dentro de seu próprio espaço acadêmico, promovendo a integração entre os diferentes atores da comunidade, bem como a geração de uma cultura acadêmica na FACOM. PALAVRAS-CHAVE: Comunicação Estratégica, Comunicação Integrada, Faculdade de Comunicação. 1 Relato de experiência sobre o projeto de extensão Assessoria de Comunicação Estratégica e Integrada da Faculdade de Comunicação (Facom) apresentado na VII Conferência Brasileira Mídia Cidadã 2011, Belém/PA 2 Estudante de Graduação 4º semestre do Curso de Comunicação Social Jornalismo da UFPA, 3 Coordenadora do projeto de extensão e professora-doutora do Curso de Comunicação Social Jornalismo da UFPA, 1

2 1-INTRODUÇÃO 1.1- Um plano integrando outro... Para Margarida Kunsch (1992, p.14) a Universidade é um meio que difunde o conhecimento científico produzido pelos seus membros e de acordo com a difusão deste, um plano deve ser elaborado para que essa transparência se dê de forma mais eficaz e integrada. Analisando esse aspecto, os alunos de Comunicação Social de 2007 resolveram levantar uma série de dados que tinham a respeito da dinâmica organizacional e comunicacional da Facom (Faculdade de Comunicação), para planejar suas próximas ações de maneira estratégica e integrada. A idéia que movia o desafio proposto aos alunos era acabar com a idéia de que em casa de ferreiro o espeto é de pau, expressão que indica como prioridade voltar para a reflexão sobre a própria realidade interna, ou seja, ser seu próprio cliente, lançando mão dos métodos e técnicas de comunicação apreendidas para solução de problemas e desafios comunicacionais existentes na faculdade. Após a realização de um extenso diagnóstico da realidade comunicacional da Facom, utilizando os métodos do planejamento da comunicação, com base em autores como Kunsch (2003, 2006), Bueno (2006), Curvello (2004), e diante das deficiências comunicacionais contatadas, tanto internas quanto externas à Faculdade - principalmente as formas como eram compartilhadas informações entre os alunos, professores e técnicos (na transmissão direta de um para outro, ou através de grupos de s que muitas vezes não alcançavam o resultado desejado) algo teria que ser feito para solucionar estes impasses, estes ruídos principalmente na comunicação interna. As soluções e propostas de ações e produtos de comunicação idealizadas e parcialmente executadas pelos alunos dentro da disciplina estão contidas no Plano de Comunicação Estratégico e Integrado da Facom, documento de planejamento que inclusive ganhou o prêmio nacional em sua categoria no último Expocom (Exposição Nacional de Produtos de Comunicação), que ocorreu em Recife. Segundo Bueno & Pimenta (2007) o sucesso das organizações está diretamente ligado a um bom planejamento de comunicação interna e externa. Dentro dessa perspectiva, o plano de comunicação da Facom tinha e tem como objetivo fortalecer, primeiramente, a comunicação interna entre os membros da Facom, não esquecendo a 2

3 formação da imagem da Faculdade perante o público externo, através de uma comunicação que fosse realizada com outras áreas do conhecimento acadêmico da própria UFPA e com outras instituições de ensino superior. Dentro das ações previstas pelo plano estava a criação de uma assessoria de comunicação para a Facom, que vencesse o caráter naturalmente episódico das ações desenvolvidas dentro de uma disciplina e assim garantisse continuidade às estratégias previstas pelos alunos dentro do Laboratório de Comunicação Institucional. Entre os principais motivos que reforçaram a implantação da Assessoria como projeto de extensão foram a provação do curso de mestrado da Facom - Comunicação, Cultura e Amazônia o primeiro do Pará e o segundo na região; a reformulação do Projeto Pedagógico do Curso (PPC) com a sua nova grade curricular e especialmente os 35 anos da faculdade, entendidos como uma oportunidade de promover a integração e a visibilidade do curso e de sua história e produção acadêmica. O Projeto de Extensão Assessoria de Comunicação Integrada e Estratégica da Facom foi credenciado ainda em 2010 junto à Pró-reitoria de Extensão (PROEX). A seleção de bolsista ocorreu no dia 02 de março de 2011 e após explicação do plano ao bolsista selecionado habilitado em Jornalismo, as atividades iniciaram no dia 14 de março, contando também com a ajuda de um voluntário da mesma habilitação. Como o previsto programa de extensão, a Assessoria da Facom está funcionando no mesmo espaço onde a Oficina de Criação e a Agência Cidadã, ambos projetos de extensão da Facom, realizam suas atividades, constituindo, portanto, um núcleo de Comunicação Integrada: A importância da comunicação integrada nas organizações se deve principalmente ao fato dela permitir que se estabeleça uma política global, em função de uma coerência maior entre os diversos programas comunicacionais, de uma linguagem comum a todos os setores [...], além de se evitarem sobreposições de tarefas. (KUNSCH, 1992, p.89) 2- MÉTODOS E TÉCNICAS UTILIZADOS 2.1- Construção de um mailing list O primeiro passo foi a construção de um mailing list contendo contatos de todos professores, alunos, técnicos que fazem ou que fizeram parte da Facom. E, em decorrência 3

4 da comemoração dos 35 anos Faculdade de Comunicação, um evento inaugurou a programação de aniversário que estava sendo planejada, e para a divulgação deste, o mailing list teve de ser ampliado, alcançando contatos de outras Faculdades da Universidade Federal do Pará e de outras instituições com o curso de Comunicação Social. O primeiro evento foi a palestra 35 anos de convergências tecnológicas, com a professora que é referência em Semiótica e mídia digital, Lucia Santaella. Foram realizados também, ainda no primeiro semestre deste ano, o ciclo de palestras sobre Imprensa e História com a contribuição da professora da Facom Netília Seixas e participação de professores de História, Letras e Jornalismo Redes sociais como um meio integrado A fim de divulgar estes e outros eventos, além de informar sobre assuntos relacionados à Comunicação, a fatos internos e externos referentes à Faculdade, esclarecer dúvidas, disponibilizar a produção científica-laboratorial da Facom a todos os seus membros e aos públicos externos interessados, foram criadas redes sociais para facilitar o fluído dessas notícias. Ou como diria Bueno & Pimenta (2007), criou-se uma sala de imprensa online, que objetiva ter uma boa estrutura online para atender seus públicos. Essa é uma das características que nos mostra que hoje as relações estão sendo mediadas pelas novas tecnologias de informação.. Integrando, assim, as redes sociais, para uma complementar e/ou divulgar a outra. Foram criados um para a Facom que recebe as atualizações de todas as outras redes; um blog, o Facom 35: Movimento de inquietação coletiva, foi produzido para exposição de releases de eventos, informações acadêmicas e exposições de produtos de alunos e professores da Facom; um perfil no facebook, para serem compartilhados informações sobre eventos, fotos, respostas às dúvidas dos acadêmicos da UFPA e de outras instituições, principalmente as que possuem o curso de Comunicação Social; e a criação de um twitter que além de tirar certas dúvidas dos alunos, ainda divulga os eventos pertencentes ao aniversário da Facom e aqueles de interesse público relacionados à UFPA, como também encaminha as outras redes sociais para oferecer informações mais completas. 4

5 3- DESCRIÇÃO DO PROCESSO/EXPERIÊNCIA 3.1- Início da construção da programação de aniversário da Facom De forma geral, as ações da Assessoria da Facom previstas para este primeiro ano giraram em torno da programação em comemoração aos 35 anos da Faculdade. Para gerar visibilidade e mobilização interna foi lançado o Movimento de Inquietação Coletiva: Entre nesta onda, juntamente com a nova marca da Facom, no dia 3 de maio. A partir deste momento foram pensadas ações, eventos que poderiam integrar e contar com a participação de todos os membros da Facom, incluindo egressos e ex-professores, com o fim de relembrar a história da Faculdade e fomentar trocas de experiências entre os membros e os ex-membros da Faculdade de Comunicação Criação do Aqui pra nós : O boletim mais comunicativo da Facom Houve também a criação de um newsletter, um boletim informativo digital, chamado Aqui pra nós, inicialmente desenvolvido na disciplina optativa de Assessoria de Comunicação, foi produzido pelos alunos de Jornalismo 2010 e coordenado pela professora Dra. Rosane Steinbrenner, que é também a coordenadora do projeto da ASCOM/FACOM. O Aqui pra nós é um boletim interno de notas ligeiras sobre assuntos relacionados principalmente à divulgação do que acontece e de quem da Facom acontece no campo da comunicação, mas também assuntos de interesses para os alunos, professores e funcionários do curso. O boletim divulga, por exemplo, palestras, simpósios, estágios, cursos e concursos, mas também agenda de matrículas, reformas interas etc. O público-alvo da publicação semanal são todos os membros da Facom, mas também os interessados na área. Ao final do semestre foi feito uma pesquisa de opinião entre os membros da Facom para verificar o nível de aceitação e as possíveis modificações que o boletim poderia passar para se tornar mais eficaz. Mais de 80% das opiniões indicavam aprovação da mídia criada para troca de informações internas na faculdade. Com o término da disciplina a produção do newsletter ficou sob a responsabilidade da Assessoria de Comunicação, e está sendo produzido até o momento e enviado aos destinatários uma vez por semana. 5

6 3.3- Construindo a programação e divulgando através dos novos canais de comunicação Os eventos que fazem parte da programação tiveram a participação de professores e alunos da Facom para serem realizados. Todos estes tiveram apoio da Facom e divulgação da Assessoria da Faculdade de Comunicação. Os eventos abertos ao público, como por exemplo, a palestra da professora Santaella que contou com a participação de cerca de 200 pessoas, teve a divulgação através de releases - textos enviados pela assessoria para a imprensa local, com publicação nos jornais Diário do Pará e O Liberal, com versões também disponibilizadas em seus portais de notícias ou postado nas redes sociais e no portal da UFPA. Quanto aos eventos de iniciativa dos estudantes da Facom, todos foram apoiados pela Facom e divulgados pela nova Assessoria da Faculdade. Dentreestes eventos estão a Semana do calouro evento de recepção dos novos comunicólogos ao curso, constituído de mesas, palestras, oficinas, gincanas, a Muvuca na Cumbuca 2001 Semana de Comunicação da UFPA que trouxe como palestrantes professores como Rogério Covaleski e Luli Radfahrer, Interney, além de outros palestrantes vindos de outros estados. Como eventos de caráter de divulgação científica, relacionados a produções laboratoriais ou de pesquisa, a Facom organizou desde lançamento de livros até mostra de trabalhos. Como exemplo, o lançamento da revista da Pós-Graduação em Comunicação (PósCom) e a primeira edição de mostra acadêmica Mostra pra Nós, que tem por objetivo expor as produções laboratoriais dos alunos e professores e que nesta edição teve a apresentação dos trabalhos que participaram do Expocom 2011 na etapa regional em Roraima. Neste segundo semestre já estão sendo organizados e divulgados com a ajuda da Ascom da faculdade o Colóquio Internacional sobre Rádios Comunitárias na Pan-Amazônia, que acontece em meados de outubro dentro do evento da Associação de Pesquisadores Latinoamericanos de Comunicação; e também o lançamento do livro de metodologia científica do professor Nemézio Amaral, ex-aluno da Facom, atualmente professor da Faculdade Estácio de Sá, no Rio de Janeiro. Ambos os eventos têm a chancela dos 35 anos da Facom. Todas essas ações planejadas e executadas tiveram a sua divulgação em vários meios. Através das redes sociais essa propagação ficou a cargo da assessoria de comunicação e quanto ao material impresso e digital, a parte de design gráfico, como folders, cartazes e 6

7 convites foram desenvolvidos pelos alunos de Publicidade e Propaganda da Facom, bolsistas do projeto Oficina de Criação. CONSIDERAÇÕES FINAIS A Assessoria de Comunicação da Facom surgiu dentro de um cenário em que a própria comunicação interna não se dava de maneira eficaz; não havia tanta transparência e participação de ações que pareciam ser planejadas por grupos isolados dentro da própria Faculdade de Comunicação. E dessa forma ela é criada para tentar mudar essa situação, buscando fazer comunicação interna de maneira estratégica, integrada e planejada, de acordo com embasamento teórico e prático. O objetivo principal: unir os membros de sua própria casa em direção a objetivos comuns. É claro que ainda há muita coisa a fazer, nem a programação de aniversário formada pela Facom e apoiada pela Assessoria ainda está terminada. Mas, já houve mudanças significativas. O fluxo de informações ocorre de maneira mais rápida, as pessoas podem se mobilizar com mais rapidez e precisão devido às informações e notícias disponibilizadas, o que facilitou o agendamento de eventos por parte dos próprios alunos, assim como o engajamento e participação deste aos eventos e reuniões, quer seja de caráter estudantil ou de pesquisa científica. E os eventos da Facom abertos ao público, mostram a sua produção interna para membros de outras Instituições de Ensino Superior. Agora alunos e professores têm uma assessoria de comunicação na sua própria Faculdade, sendo um contato inicial para futuros assessores, além de ter utilidade pública para seus membros. Atendendo a demandas por um sistema mais dinâmico e específico dentro da própria Facom. 7

8 REFERÊNCIAS BIBLIOGRÁFICAS BUENO, Wilson da Costa; PIMENTA, Caroline Petian. As salas de imprensa on line como ponte entre a organização e o jornalista. VI Bienal Iberoamericana de Comunicação, 2007, Córdoba/Argentina. Disponível em: <http://www.comtexto.com.br/criticom/textos/wilsonbueno/salas-imprensa.pdf>. Acesso em: 28 de setembro de KUNSCH, Margarida Maria Krohling. Universidade e Comunicação na edificação da sociedade. São Paulo: Loyola, QUEIROZ, Fabrício Natalino Bentes; DANTAS, Abílio; TEIXEIRA, Adelaide; SOARES, Agna, et al. Projeto de Comunicação Integrada da Faculdade de Comunicação (Facom / Ufpa). XVIII Prêmio Expocom 2011, na Categoria Produção Editorial e Produção Transdisciplinar em Comunicação, modalidade Plano de Comunicação Integrada, 2011, Recife. Disponível em: <http://intercom.org.br/papers/regionais/norte2011/expocom/ex pdf>. Acesso em: 20 de setembro de 2011 ANEXOS Endereços das redes sociais: Blog: Facebook (perfil):http://www.facebook.com/facomufpa35anos (única conta, com dois endereços): 8

9 Newsletter Aqui pra nós Primeiro Aqui pra nós Newsletter de Lançamento do Movimento de Inquietação Coletiva: Entre nesta onda 9

10 Um dos eventos que formam a programação dos 35 anos da Facom (divulgado pela Assessoria da Facom) Palestra 35 anos de convergências tecnológicas com professora Lucia Santaella Teatro Cláudio Barradas, local da palestra com Lucia Santaella. 10

A experiência da Assessoria de Comunicação dos grupos de Educação Tutorial na UFJF 1

A experiência da Assessoria de Comunicação dos grupos de Educação Tutorial na UFJF 1 A experiência da Assessoria de Comunicação dos grupos de Educação Tutorial na UFJF 1 Isabela LOURENÇO 2 Caio Cardoso de QUEIROZ 3 Francisco José Paoliello PIMENTA 4 Universidade Federal de Juiz de Fora,

Leia mais

UFRB UNIVERSIDADE FEDERAL DO RECÔNCAVO DA BAHIA GABINETE DA REITORIA ASCOM ASSESSORIA DE COMUNICAÇÃO. Relatório de Gestão Setorial do Exercício 2012

UFRB UNIVERSIDADE FEDERAL DO RECÔNCAVO DA BAHIA GABINETE DA REITORIA ASCOM ASSESSORIA DE COMUNICAÇÃO. Relatório de Gestão Setorial do Exercício 2012 UFRB UNIVERSIDADE FEDERAL DO RECÔNCAVO DA BAHIA GABINETE DA REITORIA ASCOM ASSESSORIA DE COMUNICAÇÃO Relatório de Gestão Setorial do Exercício 2012 Cruz das Almas BA 2013 UFRB UNIVERSIDADE FEDERAL DO RECÔNCAVO

Leia mais

Universidade Federal de Uberlândia Diretoria de Comunicação Social (Dirco) Políticas Públicas de Comunicação

Universidade Federal de Uberlândia Diretoria de Comunicação Social (Dirco) Políticas Públicas de Comunicação Universidade Federal de Uberlândia Diretoria de Comunicação Social Políticas Públicas de Comunicação...a presença ativa duma universidade, revigorada ao contato de seu núcleo mais vivo e ciosa do seu espaço

Leia mais

1 MINUTA DO PLANO DE COMUNICAÇÃO E PARTICIPAÇÃO SOCIAL

1 MINUTA DO PLANO DE COMUNICAÇÃO E PARTICIPAÇÃO SOCIAL 1 MINUTA DO PLANO DE COMUNICAÇÃO E PARTICIPAÇÃO SOCIAL 1.1 APRESENTAÇÃO O Plano de Comunicação e Participação Social subsidiará a elaboração do Plano Diretor de Mobilidade Urbana, criando as bases para

Leia mais

Portfolio de Produtos

Portfolio de Produtos Introdução O Guia de Produtos e Serviços da Assessoria de Comunicação (ASCOM) da Universidade Federal do Recôncavo da Bahia (UFRB) foi elaborado com o objetivo de apresentar os produtos e serviços prestados

Leia mais

Projeto de Comunicação Integrada: ORVAM 1

Projeto de Comunicação Integrada: ORVAM 1 Projeto de Comunicação Integrada: ORVAM 1 Gustavo Antonio AGUIAR 2 Élida de CRISTO 3 Guilherme Guerreiro NETO 4 Rosane STEINBRENNER 5 Universidade Federal do Pará, PA RESUMO O trabalho descreve as atividades

Leia mais

Relatório de Gestão Setorial 2010

Relatório de Gestão Setorial 2010 UFRB UNIVERSIDADE FEDERAL DO RECÔNCAVO DA BAHIA ASCOM ASSESSORIA DE COMUNICAÇÃO Relatório de Gestão Setorial 2010 Cruz das Almas BA 2010 ASSESSORIA DE COMUNICAÇÃO RELATÓRIO DE ATIVIDADES Período: Janeiro

Leia mais

GUIA DE ORIENTAÇÕES Serviços da Assessoria de Comunicação Social

GUIA DE ORIENTAÇÕES Serviços da Assessoria de Comunicação Social A Assessoria de Comunicação Social (ASCOM) da Universidade Federal de Alfenas UNIFAL-MG é uma unidade de apoio e assessoramento da Instituição, diretamente ligada ao Gabinete da Reitoria, que dentre suas

Leia mais

Blog da House Comunicação entre a Agência Experimental e acadêmicos de Publicidade e Propaganda da FURB 1

Blog da House Comunicação entre a Agência Experimental e acadêmicos de Publicidade e Propaganda da FURB 1 Blog da House Comunicação entre a Agência Experimental e acadêmicos de Publicidade e Propaganda da FURB 1 Fernanda Bento ZEN 2 Joaquim Cardeal Junior 3 Fabricia Durieux ZUCCO 4 Venilton REINERT 5 FURB

Leia mais

Diretrizes da Comissão Regional de Imagem e Comunicação Dos Escoteiros do Brasil. Região do Rio Grande do Sul

Diretrizes da Comissão Regional de Imagem e Comunicação Dos Escoteiros do Brasil. Região do Rio Grande do Sul Diretrizes da Comissão Regional de Imagem e Comunicação Dos Escoteiros do Brasil Após um mais de ano de trabalho e experiências adquiridas a CRIC apresenta à diretoria regional as diretrizes que regem

Leia mais

ASSESSORIA DE IMPRENSA 1 Felipe Plá Bastos 2

ASSESSORIA DE IMPRENSA 1 Felipe Plá Bastos 2 ASSESSORIA DE IMPRENSA 1 Felipe Plá Bastos 2 RESUMO: O presente trabalho tem como objetivo saber como é desenvolvido o trabalho de Assessoria de Imprensa, sendo um meio dentro da comunicação que através

Leia mais

Redes Sociais como ferramenta fundamental para a comunicação institucional atual 1

Redes Sociais como ferramenta fundamental para a comunicação institucional atual 1 Redes Sociais como ferramenta fundamental para a comunicação institucional atual 1 Jaqueline ECLISSI 2 Jesse James dos SANTOS 3 Sergio RODRIGUES 4 Daniele DOMINGOS 5 Drielle Ferreira de LIMA 6 Adriana

Leia mais

Alto Taquari em Pauta: uma experiência interdisciplinar em jornalismo digital 1

Alto Taquari em Pauta: uma experiência interdisciplinar em jornalismo digital 1 Alto Taquari em Pauta: uma experiência interdisciplinar em jornalismo digital 1 Aparecido Marden Reis 2 Marli Barboza da Silva 3 Universidade do Estado de Mato Grosso, Unemat - MT RESUMO O projeto experimental

Leia mais

crítica na resolução de questões, a rejeitar simplificações e buscar efetivamente informações novas por meio da pesquisa, desde o primeiro período do

crítica na resolução de questões, a rejeitar simplificações e buscar efetivamente informações novas por meio da pesquisa, desde o primeiro período do Dimensão 2 As políticas para o ensino, a pesquisa, a pós-graduação, a extensão e as respectivas normas de operacionalização, incluídos os procedimentos para estímulo à produção acadêmica, as bolsas de

Leia mais

O Dia D. 12º Prêmio Destaque em Comunicação SINEPE. e a culturalização de um. posicionamento estratégico

O Dia D. 12º Prêmio Destaque em Comunicação SINEPE. e a culturalização de um. posicionamento estratégico O Dia D e a culturalização de um posicionamento estratégico 12º Prêmio Destaque em Comunicação SINEPE Centro Universitário Franciscano uma universidade para suas aspirações Santa Maria é um polo educacional

Leia mais

Plano de Comunicação para o Hospital Infantil Varela Santiago¹

Plano de Comunicação para o Hospital Infantil Varela Santiago¹ Plano de Comunicação para o Hospital Infantil Varela Santiago¹ José Alves de SOUZA² Maria Stella Galvão SANTOS³ Universidade Potiguar (UnP ), Natal, RN RESUMO Este Plano de Comunicação refere-se a um estudo

Leia mais

Coordenação-Geral de Comunicação e Editoração (CGCE) Diretoria de Comunicação e Pesquisa (DCP) Maio/2015

Coordenação-Geral de Comunicação e Editoração (CGCE) Diretoria de Comunicação e Pesquisa (DCP) Maio/2015 Coordenação-Geral de Comunicação e Editoração (CGCE) Diretoria de Comunicação e Pesquisa (DCP) Maio/2015 A proposta de plano de comunicação elaborada pela Coordenação- Geral de Comunicação e Editoração

Leia mais

Trabalho interdisciplinar e atividade extensionista na UEPG: o projeto Portal Comunitário

Trabalho interdisciplinar e atividade extensionista na UEPG: o projeto Portal Comunitário Trabalho interdisciplinar e atividade extensionista na UEPG: o projeto Portal Comunitário SOUZA, Kauana Mendes 1 ; XAVIER, Cintia 2 Universidade Estadual de Ponta Grossa, Paraná, PR RESUMO O projeto Portal

Leia mais

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO GRANDE SECRETARIA EXECUTIVA DOS CONSELHOS

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO GRANDE SECRETARIA EXECUTIVA DOS CONSELHOS SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO GRANDE SECRETARIA EXECUTIVA DOS CONSELHOS RESOLUÇÃO Nº xx/xxxx CONSELHO UNIVERSITÁRIO EM dd de mês de aaaa Dispõe sobre a criação

Leia mais

Programa de Comunicação Interna e Externa

Programa de Comunicação Interna e Externa Programa de Comunicação Interna e Externa Aprovado na Reunião do CONASU em 21/01/2015. O Programa de Comunicação Interna e Externa das Faculdades Integradas Ipitanga FACIIP pretende orientar a execução

Leia mais

CAMPANHA NACIONAL DE ESCOLAS DA COMUNIDADE CNEC FACULDADE CENECISTA DE RIO BONITO FACERB PROGRAMA DE ACOMPANHAMENTO AOS EGRESSOS

CAMPANHA NACIONAL DE ESCOLAS DA COMUNIDADE CNEC FACULDADE CENECISTA DE RIO BONITO FACERB PROGRAMA DE ACOMPANHAMENTO AOS EGRESSOS FFACERB - FFACULLDADE CENECISTTA DE RIO BONITTO ENTIDADE MANTENEDORA: CAMPANHA NACIONAL DE ESCOLAS DA COMUNIDADE Credenciada pela Portaria 57/09 MEC Publicada no D.O.U. em 14/01/2009 Av. Sete de Maio,

Leia mais

Equipe da GCO: 1. Carlos Campana Gerente 2. Maria Helena 3. Sandro 4. Mariana

Equipe da GCO: 1. Carlos Campana Gerente 2. Maria Helena 3. Sandro 4. Mariana Gerência de Comunicação GCO tem por finalidade planejar, organizar, coordenar e controlar as atividades de comunicação e editoriais do Confea. Competências da GCO 1. Organizar e executar projetos editoriais:

Leia mais

CADERNO DE ORIENTAÇÃO DIDÁTICA PARA INFORMÁTICA EDUCATIVA: PRODUÇÃO COLABORATIVA VIA INTERNET

CADERNO DE ORIENTAÇÃO DIDÁTICA PARA INFORMÁTICA EDUCATIVA: PRODUÇÃO COLABORATIVA VIA INTERNET 1 CADERNO DE ORIENTAÇÃO DIDÁTICA PARA INFORMÁTICA EDUCATIVA: PRODUÇÃO COLABORATIVA VIA INTERNET 04/2007 Mílada Tonarelli Gonçalves CENPEC - Centro de Estudos e Pesquisas em Educação, Cultura e Ação Comunitária

Leia mais

TOPE [EA]². Assessoria de imprensa voltada à divulgação da ciência

TOPE [EA]². Assessoria de imprensa voltada à divulgação da ciência Assessoria de imprensa voltada à divulgação da ciência Camila Delmondes Assessoria de Relações Públicas e Imprensa Faculdade de Ciências Médicas Unicamp Divulgação Cientifica e Cultural Laboratório de

Leia mais

OFICINA DE REESTRUTURACÃO DA REABRI Data: 14 de Maio de 2010 UNIDAVI - Rio do Sul

OFICINA DE REESTRUTURACÃO DA REABRI Data: 14 de Maio de 2010 UNIDAVI - Rio do Sul OFICINA DE REESTRUTURACÃO DA REABRI Data: 14 de Maio de 2010 UNIDAVI - Rio do Sul Moderação: Graciane Regina Pereira e Katiuscia Wilhelm Kankerski 13h Apresentação dos objetivos e da metodologia de trabalho.

Leia mais

PROCURADORIA-GERAL DE JUSTIÇA GABINETE DO PROCURADOR-GERAL DE JUSTIÇA RESOLUÇÃO Nº 937/2012 - PGJ

PROCURADORIA-GERAL DE JUSTIÇA GABINETE DO PROCURADOR-GERAL DE JUSTIÇA RESOLUÇÃO Nº 937/2012 - PGJ RESOLUÇÃO Nº 937/2012 - PGJ O PROCURADOR-GERAL DE JUSTIÇA DO ESTADO DO PARANÁ, no uso de suas atribuições legais e com fundamento no art. 19, XX, da Lei Complementar nº 85, de 27 de dezembro de 1999, Considerando

Leia mais

Acerola Assessoria de Comunicação: Uma Vivência em Assessoria na Universidade 1

Acerola Assessoria de Comunicação: Uma Vivência em Assessoria na Universidade 1 Acerola Assessoria de Comunicação: Uma Vivência em Assessoria na Universidade 1 Ana Vitória Silva Matos 2 Joana D arc Pereira 3 Universidade de Fortaleza, Fortaleza, CE RESUMO O artigo apresenta o trabalho

Leia mais

História Diferenciações Assessoria o que é? Estrutura Comunicação x Imprensa Papéis e funções Planejamento Conteúdo Processamento interno x externo

História Diferenciações Assessoria o que é? Estrutura Comunicação x Imprensa Papéis e funções Planejamento Conteúdo Processamento interno x externo Morgana Hamester História Diferenciações Assessoria o que é? Estrutura Comunicação x Imprensa Papéis e funções Planejamento Conteúdo Processamento interno x externo Contexto atual Modelização digital contemporaneidade;

Leia mais

Estratégias para melhorar a comunicação entre a Ufal e a sociedade. 7º Encontro de Assessores de Comunicação das Universidades Federais

Estratégias para melhorar a comunicação entre a Ufal e a sociedade. 7º Encontro de Assessores de Comunicação das Universidades Federais Estratégias para melhorar a comunicação entre a Ufal e a sociedade 7º Encontro de Assessores de Comunicação das Universidades Federais A partir da posse da atual gestão, em 1 º de dezembro de 201 1, a

Leia mais

CENTRO BRASILEIRO DE REFERÊNCIA EM TECNOLOGIA SOCIAL INSTITUTO DE TECNOLOGIA SOCIAL

CENTRO BRASILEIRO DE REFERÊNCIA EM TECNOLOGIA SOCIAL INSTITUTO DE TECNOLOGIA SOCIAL CENTRO BRASILEIRO DE REFERÊNCIA EM TECNOLOGIA SOCIAL INSTITUTO DE TECNOLOGIA SOCIAL Curso: Tecnologia Social e Educação: para além dos muros da escola Resumo da experiência de Avaliação do Programa "Apoio

Leia mais

Hotsite: Carta de Serviços ao Cidadão do MDS

Hotsite: Carta de Serviços ao Cidadão do MDS PRÁTICA 1) TÍTULO Hotsite: Carta de Serviços ao Cidadão do MDS 2) DESCRIÇÃO DA PRÁTICA - limite de 8 (oito) páginas: O Hotsite da Carta de Serviços ao Cidadão do MDS foi um projeto realizado pela Ouvidoria

Leia mais

II. Atividades de Extensão

II. Atividades de Extensão REGULAMENTO DO PROGRAMA DE EXTENSÃO I. Objetivos A extensão tem por objetivo geral tornar acessível, à sociedade, o conhecimento de domínio da Faculdade Gama e Souza, seja por sua própria produção, seja

Leia mais

UNIVERSIDADE PRESBITERIANA MACKENZIE CENTRO DE COMUNICAÇÃO E LETRAS Coordenação do Curso de Jornalismo REGULAMENTO DE ATIVIDADES COMPLEMENTARES

UNIVERSIDADE PRESBITERIANA MACKENZIE CENTRO DE COMUNICAÇÃO E LETRAS Coordenação do Curso de Jornalismo REGULAMENTO DE ATIVIDADES COMPLEMENTARES REGULAMENTO DE ATIVIDADES COMPLEMENTARES Regulamenta as Atividades Complementares do Curso de Jornalismo do Centro de Comunicação e Letras da Universidade Presbiteriana Mackenzie CAPÍTULO I DA DEFINIÇÃO

Leia mais

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL RESOLUÇÃO CUNI Nº 085, DE 6 DE DEZEMBRO DE 2011. O Conselho Universitário da Universidade Federal de Lavras, no uso de suas atribuições regimentais, e tendo em vista o que foi deliberado

Leia mais

Planejamento Anual de Atividades 2015 (01 de março de 2014 a 31 de dezembro de 2015)

Planejamento Anual de Atividades 2015 (01 de março de 2014 a 31 de dezembro de 2015) MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO SECRETARIA DE EDUCAÇÃO SUPERIOR DIRETORIA DE DESENVOLVIMENTO DA REDE IFES PROGRAMA DE EDUCAÇÃO TUTORIAL. Planejamento Anual de Atividades 2015 (01 de março de 2014 a 31 de dezembro

Leia mais

Como usar o monitoramento de mídias sociais numa campanha política

Como usar o monitoramento de mídias sociais numa campanha política Como usar o monitoramento de mídias sociais numa campanha política No Brasil, há poucas experiências conhecidas de uso de ferramentas de monitoramento de mídias sociais em campanhas políticas. Uma delas

Leia mais

Trabalho submetido ao XVIII Prêmio Expocom 2011, na Categoria Cartaz Avulso, modalidade cartaz avulso.

Trabalho submetido ao XVIII Prêmio Expocom 2011, na Categoria Cartaz Avulso, modalidade cartaz avulso. RESUMO Email Marketing: Pós-Graduação em Arquitetura Contemporânea 1 Silvia Fernanda Santos de SENA 2 Thiago Jerohan Albuquerque da Cruz 3 Fernando Israel FONTANELLA 4 Universidade Católica de Pernambuco,

Leia mais

Planos estratégicos de comunicação 2013/2014 Programa Áreas Protegidas da Amazônia - ARPA

Planos estratégicos de comunicação 2013/2014 Programa Áreas Protegidas da Amazônia - ARPA 1. Plano de Comunicação interna 1.1 Aspectos estruturantes 1.1.1 Objetivo O objetivo maior do plano de comunicação interna é fortalecer a gestão do Programa Arpa, a coesão entre parceiros e agentes diretamente

Leia mais

A empresa não é uma ilha

A empresa não é uma ilha A empresa não é uma ilha Relacionamento implica em comunicação. A empresa com as rédeas da sua comunicação. Comunicação social tem ferramentas que ajudam na construção de empresas de alta performance.

Leia mais

Tribunal do Trabalho da Paraíba 13ª Região

Tribunal do Trabalho da Paraíba 13ª Região Tribunal do Trabalho da Paraíba 13ª Região Apresentação 1.Identificação do órgão:tribunal do Trabalho da Paraíba/ Assessoria de Comunicação Social 2.E-mail para contato:rdaguiar@trt13.jus.br, rosa.jp@terra.com.br

Leia mais

PROPOSTA DE ESTRUTURAÇÃO

PROPOSTA DE ESTRUTURAÇÃO U N I R I O UNIVERSIDADE FEDERAL DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO REITORA MALVINA TUTTMAN PROPOSTA DE ESTRUTURAÇÃO COORDENAÇÃO DE COMUNICAÇÃO SOCIAL (COMSO) Fernanda Soares Coordenadora Gabriel Melo Assistente

Leia mais

FACULDADE METODISTA DE BIRIGUI REGIMENTO DO NÚCLEO DE EXTENSÃO EMPRESARIAL (NEXEM)

FACULDADE METODISTA DE BIRIGUI REGIMENTO DO NÚCLEO DE EXTENSÃO EMPRESARIAL (NEXEM) FACULDADE METODISTA DE BIRIGUI REGIMENTO DO NÚCLEO DE EXTENSÃO EMPRESARIAL (NEXEM) A extensão é o processo educativo, cultural e científico que articula, amplia, desenvolve e reforça o ensino e a pesquisa,

Leia mais

Oficina de Educomunicação: Construção de um Fotodocumentário Histórico da Escola Augusto Ruschi

Oficina de Educomunicação: Construção de um Fotodocumentário Histórico da Escola Augusto Ruschi Oficina de Educomunicação: Construção de um Fotodocumentário Histórico da Escola Augusto Ruschi EJE: Comunicacion y Extensión AUTORES: Garcia, Gabriela Viero 1 Tumelero, Samira Valduga 2 Rosa, Rosane 3

Leia mais

EDITAL 009/2015 INICIAÇÃO CIENTÍFICA E TECNOLÓGICA DA FACULDADE MULTIVIX-VITÓRIA

EDITAL 009/2015 INICIAÇÃO CIENTÍFICA E TECNOLÓGICA DA FACULDADE MULTIVIX-VITÓRIA EDITAL 009/2015 INICIAÇÃO CIENTÍFICA E TECNOLÓGICA DA FACULDADE MULTIVIX-VITÓRIA Chamada para submissão de Projetos de Iniciação Científica e Tecnológica A Direção Geral da FACULDADE BRASILEIRA MULTIVIX-Vitória,

Leia mais

PALAVRAS CHAVE: projeto experimental; relações públicas, planejamento, terceiro setor, cultura. 1. INTRODUÇÃO

PALAVRAS CHAVE: projeto experimental; relações públicas, planejamento, terceiro setor, cultura. 1. INTRODUÇÃO Projeto Experimental em Relações Públicas: Associação Pró-Cultura - Casa das Artes Regina Simonis 1 Bruna Luisa Henn² Grazielle Betina Brandt³ Universidade de Santa Cruz do Sul RESUMO: O presente trabalho

Leia mais

Amanda BORN 2 João Paulo MELLO 3 Sophia MERTEN 4 Yuri MACHADO 5 Jones MACHADO 6 Universidade Federal de Santa Maria, Santa Maria, RS

Amanda BORN 2 João Paulo MELLO 3 Sophia MERTEN 4 Yuri MACHADO 5 Jones MACHADO 6 Universidade Federal de Santa Maria, Santa Maria, RS Planejamento de Relações Públicas para o Departamento de Ciências da Comunicação da Universidade Federal de Santa Maria 1 Amanda BORN 2 João Paulo MELLO 3 Sophia MERTEN 4 Yuri MACHADO 5 Jones MACHADO 6

Leia mais

A Construção de Categorias e Indicadores para Avaliação Institucional de Cursos, Projetos e Atividades de Extensão Universitária

A Construção de Categorias e Indicadores para Avaliação Institucional de Cursos, Projetos e Atividades de Extensão Universitária Anais do 2º Congresso Brasileiro de Extensão Universitária Belo Horizonte 12 a 15 de setembro de 2004 A Construção de Categorias e Indicadores para Avaliação Institucional de Cursos, Projetos e Atividades

Leia mais

PLANO DE AÇÃO FÓRUM DO MUNICÍPIO QUE EDUCA

PLANO DE AÇÃO FÓRUM DO MUNICÍPIO QUE EDUCA PLANO DE AÇÃO FÓRUM DO MUNICÍPIO QUE EDUCA PROPOSTA DE AÇÃO Criar um fórum permanente onde representantes dos vários segmentos do poder público e da sociedade civil atuem juntos em busca de uma educação

Leia mais

Lucas Arantes Zanetti 1 Lívia Cadete da Silva 2 Orientadora: Caroline Kraus Luvizotto 3 Universidade Estadual Paulista, Bauru, SP

Lucas Arantes Zanetti 1 Lívia Cadete da Silva 2 Orientadora: Caroline Kraus Luvizotto 3 Universidade Estadual Paulista, Bauru, SP Movimentos sociais e internet: uma análise sobre as manifestações de 2013 no Brasil Lucas Arantes Zanetti 1 Lívia Cadete da Silva 2 Orientadora: Caroline Kraus Luvizotto 3 Universidade Estadual Paulista,

Leia mais

Prioridades para o PA 2014 Comunidade Externa. Câmpus Restinga Junho, 2013. Desenvolvimento Institucional

Prioridades para o PA 2014 Comunidade Externa. Câmpus Restinga Junho, 2013. Desenvolvimento Institucional Prioridades para o PA 2014 Comunidade Externa Câmpus Restinga Junho, 2013 Desenvolvimento Institucional APRESENTAÇÃO O presente relatório deve ser considerado como um Anexo ao Diagnóstico das Prioridades

Leia mais

PLANO DE COMUNICAÇÃO Conheça todas as ações realizadas.

PLANO DE COMUNICAÇÃO Conheça todas as ações realizadas. PLANO DE COMUNICAÇÃO Conheça todas as ações realizadas. Prezado Expositor, 30 anos de EXPOMUSIC! Não é sempre que se comemora 30 anos. Sem dúvida, esta é uma edição muito especial para todos nós, fruto

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DO VALE DO SÃO FRANCISCO. Assessoria de Comunicação Social - ASCOM

UNIVERSIDADE FEDERAL DO VALE DO SÃO FRANCISCO. Assessoria de Comunicação Social - ASCOM UNIVERSIDADE FEDERAL DO VALE DO SÃO FRANCISCO Assessoria de Comunicação Social - ASCOM Petrolina Junho de 2013 APRESENTAÇÃO A Assessoria de Comunicação Social (Ascom) da Univasf tem como missão planejar

Leia mais

Mobilização e Participação Social no

Mobilização e Participação Social no SECRETARIA-GERAL DA PRESIDÊNCIA DA REPÚBLICA MINISTÉRIO DO DESENVOLVIMENTO SOCIAL E COMBATE À FOME Mobilização e Participação Social no Plano Brasil Sem Miséria 2012 SUMÁRIO Introdução... 3 Participação

Leia mais

Planejamento Estratégico 2007 2008. Quatro Projetos da Equipe 1

Planejamento Estratégico 2007 2008. Quatro Projetos da Equipe 1 Planejamento Estratégico 2007 2008 Objetivo Estratégico: Estimular criação / desenvolvimento e fortalecimento de programas estaduais e setoriais. Quatro Projetos da Equipe 1 revisão em 26/09/2007 Missão:

Leia mais

Universidade do Vale do Paraíba Faculdade de Ciências Sociais Aplicadas e Comunicação Curso Superior de Tecnologia em Gastronomia

Universidade do Vale do Paraíba Faculdade de Ciências Sociais Aplicadas e Comunicação Curso Superior de Tecnologia em Gastronomia Universidade do Vale do Paraíba Faculdade de Ciências Sociais Aplicadas e Comunicação Curso Superior de Tecnologia em Gastronomia PASSO A PASSO PARA ATIVIDADES PRÁTICAS COMPLEMENTARES São atividades obrigatórias

Leia mais

CONSELHO NACIONAL DO MINISTÉRIO PÚBLICO ASSESSORIA DE COMUNICAÇÃO

CONSELHO NACIONAL DO MINISTÉRIO PÚBLICO ASSESSORIA DE COMUNICAÇÃO CONSELHO NACIONAL DO MINISTÉRIO PÚBLICO ASSESSORIA DE COMUNICAÇÃO TERMO DE REFERÊNCIA Mailing de imprensa e ferramenta de distribuição de e-mails (e-mail marketing) 1. Da justificativa A Assessoria de

Leia mais

Planejamento Estratégico PLANEJAMENTO ESTRATÉGICO. Formação dos grupos de trabalho e Detalhamento das estratégias do Plano de Ação Julho 2014

Planejamento Estratégico PLANEJAMENTO ESTRATÉGICO. Formação dos grupos de trabalho e Detalhamento das estratégias do Plano de Ação Julho 2014 Planejamento Estratégico PLANEJAMENTO ESTRATÉGICO Formação dos grupos de trabalho e Detalhamento das estratégias do Plano de Ação Julho 2014 Grupos de trabalho: formação Objetivo: elaborar atividades e

Leia mais

Plano de Ação. Colégio Estadual Ana Teixeira. Caculé - Bahia Abril, 2009.

Plano de Ação. Colégio Estadual Ana Teixeira. Caculé - Bahia Abril, 2009. Plano de Ação Colégio Estadual Ana Teixeira Caculé - Bahia Abril, 2009. IDENTIFICAÇÃO DA UNIDADE ESCOLAR Unidade Escolar: Colégio Estadual Ana Teixeira Endereço: Av. Antônio Coutinho nº 247 bairro São

Leia mais

O PAPEL DA AGÊNCIA DE JORNALISMO DA UEPG NO FOMENTO À PRODUÇÃO DE NOTÍCIAS INSTITUCIONAIS NA WEB

O PAPEL DA AGÊNCIA DE JORNALISMO DA UEPG NO FOMENTO À PRODUÇÃO DE NOTÍCIAS INSTITUCIONAIS NA WEB 12. CONEX Apresentação Oral Resumo Expandido 1 ÁREA TEMÁTICA: ( X ) COMUNICAÇÃO ( ) CULTURA ( ) DIREITOS HUMANOS E JUSTIÇA ( ) EDUCAÇÃO ( ) MEIO AMBIENTE ( ) SAÚDE ( ) TRABALHO ( ) TECNOLOGIA O PAPEL DA

Leia mais

Scup e Política: vitória nas urnas pelas redes sociais

Scup e Política: vitória nas urnas pelas redes sociais Scup e Política: vitória nas urnas pelas redes sociais A campanha do prefeito de Duque de Caxias Alexandre Aguiar Cardoso, natural de Duque de Caxias, cidade da região metropolitana do Rio de Janeiro,

Leia mais

CRITÉRIOS DE AVALIAÇÃO DE PROJETOS DE EXTENSÃO UNIVERSITÁRIA. Definição da Extensão e Finalidades

CRITÉRIOS DE AVALIAÇÃO DE PROJETOS DE EXTENSÃO UNIVERSITÁRIA. Definição da Extensão e Finalidades CRITÉRIOS DE AVALIAÇÃO DE PROJETOS DE EXTENSÃO UNIVERSITÁRIA Definição da Extensão e Finalidades A Resolução UNESP 102, de 29/11/2000, define Extensão Universitária, nos seguintes termos: Art.8º Entende-se

Leia mais

INSTRUMENTOS DE DESENVOLVIMENTO DAS MPEs OFERTADOS PELO SEBRAE. Palestra para o Conselho Regional de Administração

INSTRUMENTOS DE DESENVOLVIMENTO DAS MPEs OFERTADOS PELO SEBRAE. Palestra para o Conselho Regional de Administração INSTRUMENTOS DE DESENVOLVIMENTO DAS MPEs OFERTADOS PELO SEBRAE Palestra para o Conselho Regional de Administração 1 O QUE É O SEBRAE? 2 O Sebrae O Serviço de Apoio às Micros e Pequenas Empresas da Bahia

Leia mais

RELATÓRIO DAS ATIVIDADES 2004

RELATÓRIO DAS ATIVIDADES 2004 RELATÓRIO DAS ATIVIDADES 2004 1. Palestras informativas O que é ser voluntário Objetivo: O voluntariado hoje, mais do que nunca, pressupõe responsabilidade e comprometimento e para que se alcancem os resultados

Leia mais

REGULAMENTO DE TRABALHO DE CONCLUSÃO DE CURSO DOS PRINCÍPIOS DO TRABALHO DE CONCLUSÃO DE CURSO

REGULAMENTO DE TRABALHO DE CONCLUSÃO DE CURSO DOS PRINCÍPIOS DO TRABALHO DE CONCLUSÃO DE CURSO REGULAMENTO DE TRABALHO DE CONCLUSÃO DE CURSO DOS PRINCÍPIOS DO TRABALHO DE CONCLUSÃO DE CURSO ARTIGO 1º - O Trabalho de Conclusão de Curso (TCC) tem os seguintes princípios: 1.1 Consolidar o ISEAT na

Leia mais

VICE-DIREÇÃO DE ENSINO, PESQUISA E EXTENSÃO REGIMENTO INTERNO DA COORDENAÇÃO DE EXTENSÃO

VICE-DIREÇÃO DE ENSINO, PESQUISA E EXTENSÃO REGIMENTO INTERNO DA COORDENAÇÃO DE EXTENSÃO VICE-DIREÇÃO DE ENSINO, PESQUISA E EXTENSÃO REGIMENTO INTERNO DA COORDENAÇÃO DE EXTENSÃO Da Concepção e Objetivos Art.1º A extensão acadêmica é um processo educativo, cultural, que se articula ao ensino

Leia mais

Planejamento Estratégico PLANEJAMENTO ESTRATÉGICO. Histórico de elaboração Julho 2014

Planejamento Estratégico PLANEJAMENTO ESTRATÉGICO. Histórico de elaboração Julho 2014 Planejamento Estratégico PLANEJAMENTO ESTRATÉGICO Histórico de elaboração Julho 2014 Motivações Boa prática de gestão Orientação para objetivos da Direção Executiva Adaptação à mudança de cenários na sociedade

Leia mais

Linha Editorial da Agência de Notícias

Linha Editorial da Agência de Notícias UFRB UNIVERSIDADE FEDERAL DO RECÔNCAVO DA BAHIA GABINETE DA REITORIA ASCOM ASSESSORIA DE COMUNICAÇÃO Linha Editorial da Agência de Notícias Cruz das Almas BA 2012 SUMÁRIO 1. INTRODUÇÃO...3 2. RESPONSABILIDADE...3

Leia mais

FACULDADE DE COMUNICAÇÃO SOCIAL REGIMENTO INTERNO DA AGÊNCIA EXPERIMENTAL DE COMUNICAÇÃO INTEGRADA - AGEX CAPÍTULO I NOÇÕES INTRODUTÓRIAS

FACULDADE DE COMUNICAÇÃO SOCIAL REGIMENTO INTERNO DA AGÊNCIA EXPERIMENTAL DE COMUNICAÇÃO INTEGRADA - AGEX CAPÍTULO I NOÇÕES INTRODUTÓRIAS FACULDADE DE COMUNICAÇÃO SOCIAL REGIMENTO INTERNO DA AGÊNCIA EXPERIMENTAL DE COMUNICAÇÃO INTEGRADA - AGEX Aprovado no CONSEPE na 30ª sessão realizada em 16 de abril de 2012 e homologado na 140ª sessão

Leia mais

MANUAL DE PUBLICAÇÕES E COMUNICAÇÃO

MANUAL DE PUBLICAÇÕES E COMUNICAÇÃO MANUAL DE PUBLICAÇÕES E COMUNICAÇÃO Conselho de Direção do Departamento de Psicanálise gestão 2012-2014 Articuladora: Gisela Haddad Da publicação de livros Com o objetivo de facilitar aos membros do Departamento

Leia mais

PRIMEIRO SEMESTRE. Fundamentos Teóricometodológicos SUB-TOTAL 360 TOTAL 360

PRIMEIRO SEMESTRE. Fundamentos Teóricometodológicos SUB-TOTAL 360 TOTAL 360 PRIMEIRO SEMESTRE Teórica Fundamentos da Comunicação e do Jornalismo Comunicação em Língua Portuguesa I Teoria da Comunicação Sociologia da Comunicação Introdução à Economia Fundamentos Epistemológicos

Leia mais

Vídeo Institucional: PETCom Internacional 1

Vídeo Institucional: PETCom Internacional 1 Vídeo Institucional: PETCom Internacional 1 Andréia Santos da SILVA 2 Tiago da Cruz Carvalho CALADO 3 Ítala Clay de Oliveira FREITAS 4 Universidade Federal do Amazonas, Manaus, AM RESUMO Desenvolvido por

Leia mais

Assessoria de Imprensa para a Pastoral da Criança de Santa Rita do Araguaia - GO 1

Assessoria de Imprensa para a Pastoral da Criança de Santa Rita do Araguaia - GO 1 Assessoria de Imprensa para a Pastoral da Criança de Santa Rita do Araguaia - GO 1 Miriam Soares de ARAÚJO 2 Cálita Fernanda Batista de PAULA 3 Vanessa Lopes da SILVA 4 Ana Carolina de Araújo SILVA 5 Universidade

Leia mais

GUIA DE ATIVIDADES COMPLEMENTARES CENTRO UNIVERSITÁRIO UNA

GUIA DE ATIVIDADES COMPLEMENTARES CENTRO UNIVERSITÁRIO UNA GUIA DE ATIVIDADES COMPLEMENTARES CENTRO UNIVERSITÁRIO UNA 2013 ATIVIDADES COMPLEMENTARES O que são? São práticas acadêmicas de múltiplos formatos, obrigatórias, que podem ser realizadas dentro ou fora

Leia mais

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DO OESTE DA BAHIA ASSESSORIA DE COMUNICAÇÃO

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DO OESTE DA BAHIA ASSESSORIA DE COMUNICAÇÃO MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DO OESTE DA BAHIA ASSESSORIA DE COMUNICAÇÃO Manual com normas para solicitação de produção e publicação de material informativo jornalístico no site, lista de

Leia mais

Faculdades Integradas de Taquara

Faculdades Integradas de Taquara CONSELHO SUPERIOR ACADÊMICO E ADMINISTRATIVO RESOLUÇÃO CSAA N 04/2015 Regulamenta as Atividades Complementares dos Cursos de Graduação das Faculdades Integradas de Taquara. O Presidente do Conselho Superior

Leia mais

PROJETOS ÁREA COMUNICAÇÃO

PROJETOS ÁREA COMUNICAÇÃO Comunicação Christina Ferraz Musse estratégica Comunicação Social para grupos de economia popular solidária de Juiz de Fora e região (Núcleo de Comunicação Social da INTECOOP/ UFJF) Website da Liga Acadêmica

Leia mais

GESTÃO DA COMUNICAÇÃO NAS ATIVIDADES CRIATIVAS E CULTURAIS. Proposta de curso. Edição 2014.

GESTÃO DA COMUNICAÇÃO NAS ATIVIDADES CRIATIVAS E CULTURAIS. Proposta de curso. Edição 2014. GESTÃO DA COMUNICAÇÃO NAS ATIVIDADES CRIATIVAS E CULTURAIS Proposta de curso Edição 2014. DADOS DE IDENTIFICAÇÃO Título: Gestão da Comunicação nas Atividades Criativas e Culturais Local de realização:

Leia mais

RELATÓRIO DAS ATIVIDADES 2003

RELATÓRIO DAS ATIVIDADES 2003 RELATÓRIO DAS ATIVIDADES 2003 1. Palestras informativas O que é ser voluntário Objetivo: O voluntariado hoje, mais do que nunca, pressupõe responsabilidade e comprometimento e para que se alcancem os resultados

Leia mais

O Engajamento em Programas Empresariais: funcionários, gestão e áreas parceiras. Trabalho em Grupo Encontro de 03/08/2011

O Engajamento em Programas Empresariais: funcionários, gestão e áreas parceiras. Trabalho em Grupo Encontro de 03/08/2011 O Engajamento em Programas Empresariais: funcionários, gestão e áreas parceiras Trabalho em Grupo Encontro de 03/08/2011 Resumo Mesa 1 Questão 1 O que dá significado/contribui para a participação do funcionário

Leia mais

COMISSÃO PRÓPRIA DE AVALIAÇÃO DA FACULDADE ARAGUAIA RELATÓRIO FINAL DE AUTO-AVALIAÇÃO DO CURSO DE PEDAGOGIADA CPA DA FACULDADE ARAGUAIA

COMISSÃO PRÓPRIA DE AVALIAÇÃO DA FACULDADE ARAGUAIA RELATÓRIO FINAL DE AUTO-AVALIAÇÃO DO CURSO DE PEDAGOGIADA CPA DA FACULDADE ARAGUAIA COMISSÃO PRÓPRIA DE AVALIAÇÃO DA FACULDADE ARAGUAIA RELATÓRIO FINAL DE AUTO-AVALIAÇÃO DO CURSO DE PEDAGOGIADA CPA DA FACULDADE ARAGUAIA 2013/01 a 2013/02 SUMÁRIO APRESENTAÇÃO... 3 1. Diagnóstico geral

Leia mais

PROJETO CAJU É GERAÇÃO DE RENDA E DESENVOLVIMENTO SUSTENTÁVEL NO BAIXO ACARAÚ CE

PROJETO CAJU É GERAÇÃO DE RENDA E DESENVOLVIMENTO SUSTENTÁVEL NO BAIXO ACARAÚ CE PROJETO CAJU É GERAÇÃO DE RENDA E DESENVOLVIMENTO SUSTENTÁVEL NO BAIXO ACARAÚ CE PLANO DE COMUNICAÇÃO E MARKETING Fortaleza Ceará Brasil 2010-2012 SUMÁRIO 1. APRESENTAÇÃO... 03 2. OBJETIVOS... 04 3. ESTRATÉGIAS

Leia mais

Plano de COMUNICAÇÃO do Planejamento Estratégico da Justiça Federal

Plano de COMUNICAÇÃO do Planejamento Estratégico da Justiça Federal Plano de COMUNICAÇÃO do Planejamento Estratégico da Justiça Federal PLANO DE COMUNICAÇÃO DA ESTRATÉGIA Introdução É importante ressaltar que um plano de comunicação tem a finalidade de tornar conhecida

Leia mais

Simone Antoniaci Tuzzo 1 Claudomilson Fernandes Braga 2

Simone Antoniaci Tuzzo 1 Claudomilson Fernandes Braga 2 Simone Antoniaci Tuzzo 1 Claudomilson Fernandes Braga 2 Resumo Este trabalho tem como objetivo descrever o RP em Debate, projeto de extensão e cultura do curso de Relações Públicas da Universidade Federal

Leia mais

Síntese do plano de atuação da CPA- ciclo avaliativo 2008/2010

Síntese do plano de atuação da CPA- ciclo avaliativo 2008/2010 Síntese do plano de atuação da CPA- ciclo avaliativo 2008/2010 O trabalho da CPA/PUCSP de avaliação institucional está regulamentado pela Lei federal nº 10.861/04 (que institui o SINAES), artigo 11 e pelo

Leia mais

UNIVERSIDADE PRESBITERIANA MACKENZIE CENTRO DE COMUNICAÇÃO E LETRAS Coordenação do Curso de Publicidade e Propaganda

UNIVERSIDADE PRESBITERIANA MACKENZIE CENTRO DE COMUNICAÇÃO E LETRAS Coordenação do Curso de Publicidade e Propaganda REGULAMENTO DE ATIVIDADES COMPLEMENTARES Regulamenta as Atividades Complementares do Curso de Publicidade e Propaganda do Centro de Comunicação e Letras da Universidade Presbiteriana Mackenzie CAPÍTULO

Leia mais

Programa de Acompanhamento de Egressos

Programa de Acompanhamento de Egressos FACULDADE FACULDADE DE TALENTOS DE HUMANOS TALENTOS HUMANOS - FACTHUS - FACTHUS Programa de Acompanhamento de Egressos UBERABA-MG 2010 I - OBJETIVO GERAL Desenvolver uma política de acompanhamento dos

Leia mais

Política de Comunicação do Serviço Federal de Processamento de Dados (Serpro) - PCS

Política de Comunicação do Serviço Federal de Processamento de Dados (Serpro) - PCS Política de Comunicação do Serviço Federal de Processamento de Dados (Serpro) - PCS POLÍTICA DE COMUNICAÇÃO DO SERVIÇO FEDERAL DE PROCESSAMENTO DE DADOS (SERPRO) - PCS A Política de Comunicação do Serviço

Leia mais

Sumário 1. CARO EDUCADOR ORIENTADOR 3 PARCEIROS VOLUNTÁRIOS 3. TRIBOS NAS TRILHAS DA CIDADANIA 4

Sumário 1. CARO EDUCADOR ORIENTADOR 3 PARCEIROS VOLUNTÁRIOS 3. TRIBOS NAS TRILHAS DA CIDADANIA 4 Guia do Educador CARO EDUCADOR ORIENTADOR Sumário 1. CARO EDUCADOR ORIENTADOR 3 2. PARCEIROS VOLUNTÁRIOS 3 3. TRIBOS NAS TRILHAS DA CIDADANIA 4 Objetivo GERAL 5 METODOLOGIA 5 A QUEM SE DESTINA? 6 O QUE

Leia mais

FACULDADE DE CIÊNCIAS SOCIAIS APLICADAS E COMUNICAÇÃO REGULAMENTO DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES CURSO DE DESIGN DE MODA

FACULDADE DE CIÊNCIAS SOCIAIS APLICADAS E COMUNICAÇÃO REGULAMENTO DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES CURSO DE DESIGN DE MODA FACULDADE DE CIÊNCIAS SOCIAIS APLICADAS E COMUNICAÇÃO REGULAMENTO DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES CURSO DE DESIGN DE MODA 1. Atividades Complementares Atividades Complementares são atividades desenvolvidas

Leia mais

PROGRAMA DE ACOMPANHAMENTO DE EGRESSOS DO INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA FARROUPILHA

PROGRAMA DE ACOMPANHAMENTO DE EGRESSOS DO INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA FARROUPILHA PROGRAMA DE ACOMPANHAMENTO DE EGRESSOS DO INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA FARROUPILHA A concepção que fundamenta os processos educacionais das Instituições da Rede Federal de Educação

Leia mais

PLANO DE TRABALHO Período: 2014/2015 1 CONTEXTO INSTITUCIONAL

PLANO DE TRABALHO Período: 2014/2015 1 CONTEXTO INSTITUCIONAL PLANO DE TRABALHO Período: 2014/2015 1 CONTEXTO INSTITUCIONAL De 1999 até o ano de 2011 o Instituto Adventista de Ensino do Nordeste (IAENE) congregava em seu espaço geográfico cinco instituições de ensino

Leia mais

TERMOS DE REFERÊNCIA Pessoa Física

TERMOS DE REFERÊNCIA Pessoa Física TERMOS DE REFERÊNCIA Pessoa Física Coordenação Campanha Pequim+20 Localização: Prazo para candidatura: Tipo de contrato Nível do Posto Idioma(s) necessário: Data esperada de início: Data esperada de fim:

Leia mais

DISCIPLINAS CURRICULARES (PCN) INFORMÁTICA PRODUÇÃO DE MATERIAL

DISCIPLINAS CURRICULARES (PCN) INFORMÁTICA PRODUÇÃO DE MATERIAL A nossa meta é envolver alunos e professores num processo de capacitação no uso de ferramentas tecnológicas. Para isto, mostraremos ao professor como trabalhar as suas disciplinas (matemática, português,

Leia mais

Projeto. 4d em frente. Disciplina: Estágio Integrado Alunos: Cristiano, Samanta e Shana.

Projeto. 4d em frente. Disciplina: Estágio Integrado Alunos: Cristiano, Samanta e Shana. Projeto 4d em frente Disciplina: Estágio Integrado Alunos: Cristiano, Samanta e Shana. 4d Arquitetura Escritório de arquitetura, voltado para o conceito contemporâneo, com 6 anos de atuação no mercado

Leia mais

Parâmetros para avaliação de mestrado profissional*

Parâmetros para avaliação de mestrado profissional* Parâmetros para avaliação de mestrado profissional* 1. Natureza do mestrado profissional A pós-graduação brasileira é constituída, atualmente, por dois eixos claramente distintos: o eixo acadêmico, representado

Leia mais

APEC - Associação Piauiense de Educação e Cultura CESVALE - Centro de Ensino Superior do Vale do Parnaíba

APEC - Associação Piauiense de Educação e Cultura CESVALE - Centro de Ensino Superior do Vale do Parnaíba RESOLUÇÃO Nº 07 DE 20/09/2004 Estabelece normas para a realização das Atividas Complementares nos cursos graduação do CESVALE. Art. 1 - Define como Ativida Complementar toda e qualquer ativida não prevista

Leia mais

Divisão de Divulgação

Divisão de Divulgação PODER JUDICIÁRIO TRIBUNAL DE JUSTIÇA DO ESTADO DO AMAZONAS DIVISÃO DE GESTÃO DA QUALIDADE Sistema de Gestão da Qualidade PROCEDIMENTO P. TJAM 52 Divisão de Divulgação Elaborado por: Mário Adolfo Aryce

Leia mais

EDITAL DE SELEÇÃO DOCENTE PARA O PROGRAMA INSTITUCIONAL DE BOLSAS DE INICIAÇÃO À DOCÊNCIA CIENTÍFICA (PIBID/FAI) EDITAL N O.

EDITAL DE SELEÇÃO DOCENTE PARA O PROGRAMA INSTITUCIONAL DE BOLSAS DE INICIAÇÃO À DOCÊNCIA CIENTÍFICA (PIBID/FAI) EDITAL N O. EDITAL DE SELEÇÃO DOCENTE PARA O PROGRAMA INSTITUCIONAL DE BOLSAS DE INICIAÇÃO À DOCÊNCIA CIENTÍFICA (PIBID/FAI) EDITAL N O. 004/15 1. APRESENTAÇÃO A Direção-Geral das FACULDADES ADAMANTINENSES INTEGRADAS

Leia mais

UESB ASSESSORIA DE COMUNICACAO

UESB ASSESSORIA DE COMUNICACAO ASSESSORIA DE COMUNICACAO Assessoria de Comunicacão 14. ASSESSORIA DE COMUNICAÇÃO No ano de 2007, a Assessoria de Comunicação (Ascom) da Universidade Estadual do Sudoeste da Bahia deu prosseguimento ao

Leia mais

PLANO DE COMUNICAÇÃO PLANO DE COMUNICAÇÃO SOCIAL PARA A VIRTUALLINK

PLANO DE COMUNICAÇÃO PLANO DE COMUNICAÇÃO SOCIAL PARA A VIRTUALLINK PLANO DE COMUNICAÇÃO PLANO DE COMUNICAÇÃO SOCIAL PARA A VIRTUALLINK - Equipe de Comunicação Multimídia e Relações Públicas: Márcio Lobato Nayanne Pacheco 1. - OBJETIVO: A presente proposta objetiva estruturar

Leia mais