EDITAL PROCESSO Nº 001/2014 PREGÃO ELETRÔNICO Nº 001/2014

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "EDITAL PROCESSO Nº 001/2014 PREGÃO ELETRÔNICO Nº 001/2014"

Transcrição

1 EDITAL PROCESSO Nº 001/2014 PREGÃO ELETRÔNICO Nº 001/2014 DADOS GERAIS OBJETO: CONTRATAÇÃO DE EMPRESA PARA PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS EM ORGANIZAÇÃO DE EVENTOS, VISANDO O PLANEJAMENTO, ORGANIZAÇÃO, EXECUÇÃO E ACOMPANHAMENTO DE TODAS AS ATIVIDADES DE INFRAESTRUTURA LOGÍSTICA E OPERACIONAL NECESSÁRIAS À REALIZAÇÃO DO EVENTO INTITULADO: SOLENIDADE DE OUTORGA DA COMENDA DO MÉRITO FARMACÊUTICO DO ESTADO DE PERNAMBUCO e do I ENCONTRO PELA VALORIZAÇÃO DA PROFISSÃO FARMACÊUTICA. DATA DE INÍCIO DE RECEBIMENTO DAS PROPOSTAS: 27/03/2014 às 15h. DATA DA ABERTURA DAS PROPOSTAS: 08/04/2014 às 16h. DATA DE INÍCIO DA DISPUTA DE PREÇOS: 08/04/2014 às 16h30min. SISTEMA ELETRÔNICO UTILIZADO: BANCO DO BRASIL S.A. ENDEREÇOELETRÔNICO: REFERÊNCIA DE TEMPO: HORÁRIO DE BRASÍLIA-DF COORDENAÇÃO DO PROCESSO: PREGOEIRA: Lusinete Rocha de Holanda ENDEREÇO: Rua Amélia nº 50 Espinheiro Recife-PE. FONE:(81) FAX:(81)

2 PROCESSO Nº 001/2014 PREGÃO ELETRÔNICO Nº 001/2014 O CONSELHO REGIONAL DE FARMÁCIA DE PERNAMBUCO-CRF-PE, Autarquia Federal, instituída pela Lei 3820/60, por intermédio de sua Pregoeira Lusinete Rocha de Holanda, nomeada pela Portaria nº 002/2014 de 03 de janeiro de 2014, atendendo ao determinado pelas disposições da Lei nº , de 17 de julho de 2002, pelo Decreto no 3.555, de 08/08/2000, alterado pelos Decretos nº 3.693, de 20/12/2000 e nº 3.784, de , Decreto nº 5.450, de 31/05/2005, Lei Complementar 123/06 c/c Decreto 6204/07 de e subsidiariamente pela Lei nº 8.666/93, de 21/06/93 e suas alterações e, ainda, pelo estabelecido no presente edital e seus anexos, torna público que realizará processo licitatório na modalidade PREGÃO ELETRÔNICO, tipo MENOR PREÇO. 1. DISPOSIÇÕES PRELIMINARES 1.1 O pregão eletrônico será realizado em sessão pública, por meio da internet, mediante condições de segurança - criptografia e autenticação - em todas as suas fases. 1.2 Os trabalhos serão conduzidos pelo pregoeiro, além de equipe de apoio, mediante inserção de monitoramento de dados gerados ou transferidos para o aplicativo "Licitações-e", constante da página eletrônica do Banco do Brasil S.A. 1.3 O tempo de disputa será encerrado por decisão do pregoeiro e acrescido do tempo aleatório determinado pelo sistema. 2. DO OBJETO 2.1 O objeto da presente licitação é a CONTRATAÇÃO DE EMPRESA PARA PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS EM ORGANIZAÇÃO DE EVENTOS, VISANDO O PLANEJAMENTO, ORGANIZAÇÃO, EXECUÇÃO E ACOMPANHAMENTO DE TODAS AS ATIVIDADES DE INFRAESTRUTURA LOGÍSTICA E OPERACIONAL NECESSÁRIAS À REALIZAÇÃO DO EVENTO INTITULADO: SOLENIDADE DE OUTORGA DA COMENDA DO MÉRITO FARMACÊUTICO DO ESTADO DE PERNAMBUCO e do I ENCONTRO PELA VALORIZAÇÃO DA PROFISSÃO FARMACÊUTICA, conforme ANEXOS I, II e III, que fazem parte integrante e inseparável deste Edital. 3. DA DOTAÇÃO ORÇAMENTÁRIA/VALOR ESTIMADO 3.1 As obrigações financeiras assumidas correrão por conta da dotação orçamentária de 2014, sob o código de conta: , nome da conta: Festividades Buffet Recepções e Homenagens. 3.2 O valor estimado máximo para o presente processo licitatório é de R$90.347,42 (noventa mil, trezentos e quarenta e sete reais e quarenta e dois centavos). 2

3 4. CREDENCIAMENTO NO SISTEMA ELETRÔNICO 4.1 O processo de credenciamento será iniciado pelo interessado, através do sistema eletrônico do Banco do Brasil S/A, por meio do endereço eletrônico para acesso ao sistema eletrônico. 4.2 O credenciamento dar-se-á pela atribuição de chave de identificação e de senha pessoal e intransferível, para acesso, obtidas nas agências do Banco do Brasil S.A. 4.3 O credenciamento do licitante, bem como a sua manutenção, dependerá de registro cadastral atualizado no sistema de eletrônico do Banco do Brasil S.A., que também será requisito obrigatório para fins de habilitação. 4.4 Os interessados poderão credenciar representantes, mediante a apresentação de procuração por instrumento público ou particular, com firma reconhecida, atribuindo poderes para formular lances de preços e praticar todos os demais atos e operações no 4.5 O sócio, proprietário ou dirigente da empresa proponente deverá apresentar cópia do respectivo Estatuto ou Contrato Social, no qual estejam expressos seus poderes para exercerem direitos e assumir obrigações, em decorrência de tal investidura. 4.6 A chave de identificação e a senha terão validade de 01 (um) ano e poderão ser utilizadas em qualquer pregão eletrônico, salvo quando canceladas por solicitação do credenciado ou por iniciativa do Banco, devidamente justificado. A perda da senha ou a quebra do sigilo deverão ser comunicadas imediatamente ao provedor do sistema, para imediato bloqueio de acesso. 4.7 É de exclusiva responsabilidade do usuário o sigilo da senha, bem como seu uso em qualquer transação efetuada diretamente ou por seu representante, não cabendo ao CRF-PE ou ao Banco do Brasil S.A. a responsabilidade por eventuais danos decorrentes de uso indevido da senha, ainda que por terceiros. 4.8 A perda da senha ou a quebra do sigilo deverão ser comunicadas ao provedor do sistema para imediato bloqueio de acesso. 4.9 O credenciamento do licitante e de seu representante legal junto ao sistema eletrônico implica a responsabilidade legal pelos atos praticados e a presunção de capacidade técnica para realização das transações inerentes ao pregão eletrônico Caberá ao licitante acompanhar as operações no sistema eletrônico durante a sessão pública do pregão, ficando responsável pelo ônus decorrente da perda de negócios diante da inobservância de quaisquer mensagens emitidas pelo sistema ou de sua desconexão Quaisquer dúvidas sobre o sistema eletrônico do Banco do Brasil S.A., devem ser dirimidas junto ao suporte deste sistema. 5. DA PARTICIPAÇÃO 5.1 Poderão participar deste pregão as empresas que possuam o ramo de atividade em consonância com o objeto da licitação e atenderem a todas as exigências, inclusive quanto à documentação constantes deste edital e seus anexos, e estiverem devidamente credenciadas 3

4 no sistema eletrônico do Banco do Brasil S/A, por meio do site para acesso ao sistema eletrônico. 5.2 A participação no pregão eletrônico dar-se-á por meio da digitação da senha pessoal e intransferível do representante credenciado e subsequente encaminhamento da proposta de preços, e quando for o caso, seus anexos, por meio do endereço eletrônico opção Acesso Identificado, observando a data e o horário limite estabelecidos. 5.3 Como requisito para a participação no pregão eletrônico a licitante deverá manifestar, sob as penas da lei, em campo próprio do sistema eletrônico, o pleno conhecimento e atendimento às exigências de habilitação prevista neste Edital. 5.4 Não será admitida a participação de empresas sob forma de consórcio, empresas suspensas de contratar com o CRF-PE ou impedidas de licitar com a Administração Pública, bem como as que estiverem em regime de falência ou concordata. 6. DO DIREITO DE PREFERÊNCIA 6.1 As MEs e EPPs que pretendam sua inclusão no regime diferenciado concedido pela Lei Complementar nº 123/06 deverá em campo próprio do sistema eletrônico, declarar que atende os requisitos do art. 3 º da Lei Complementar nº 123/ Caso não utilizada a faculdade prevista no subitem 6.1, será considerado que a licitante optou por renunciar aos benefícios previstos na Lei Complementar nº 123/ Nos termos dos arts. 42 e 43 da Lei Complementar nº 123/06, as MEs e EPPs deverão apresentar toda a documentação exigida no item 10 deste Edital, mesmo que esta apresente alguma restrição com relação à regularidade fiscal. 6.4 Havendo alguma restrição com relação à Regularidade Fiscal, será assegurado às MEs e EPPs o prazo de 02 dias úteis, cujo termo inicial corresponderá ao momento em que a licitante for declarada a detentora da proposta de menor valor, prorrogáveis por igual período, a critério da Administração do CRF-PE, para a regularização da documentação, pagamento ou parcelamento do débito, e emissão de eventuais certidões negativas ou positivas com efeito de certidão negativa. 6.5 A não-regularização da documentação no prazo previsto acima implicará na decadência do direito à contratação, sem prejuízo das sanções previstas no art. 81 da Lei n.º 8.666/93, sendo facultado à Administração convocar os licitantes remanescentes, na ordem de classificação, para contratação, ou revogar a licitação. 6.6 Será assegurado, como critério de desempate, preferência de contratação para as MEs e EPPs, entendendo-se por empate aquelas situações em que as propostas apresentadas pelas MEs e EPPs sejam iguais ou até 5% superiores ao melhor preço e desde que o melhor preço não seja de uma ME ou EPP. 6.7 Ocorrendo o empate a ME ou EPP mais bem classificada será convocada para apresentar nova proposta no prazo máximo de 5 minutos após o encerramento dos lances, sob pena de preclusão. 6.8 A ME ou EPP mais bem classificada poderá apresentar proposta de preço inferior àquela considerada vencedora da licitação, situação em que será adjudicado em seu favor o objeto licitado. 4

5 6.9 Não ocorrendo a contratação da ME ou EPP, na forma do subitem 6.7, serão convocadas as remanescentes que porventura se enquadrem na hipótese do subitem 6.5, na ordem classificatória, para o exercício do mesmo direito No caso de equivalência dos valores apresentados pelas MEs e EPPs que se encontrem no intervalo estabelecido no subitem 6.6, será realizado sorteio entre elas para que se identifique aquela que primeiro poderá apresentar a melhor proposta Na hipótese da não-contratação nos termos previstos acima, o objeto licitado será adjudicado em favor da proposta originalmente vencedora da licitação, após verificação da documentação de habilitação A ME ou EPP que usufruir dos benefícios de que trata a Lei Complementar n.º 123/06 deverá apresentar, na forma da Lei, juntamente com os documentos de habilitação, declaração formal, conforme ANEXO VI, de que não está incursa em nenhum dos impedimentos do 4º do art. 3º da Lei Complementar n.º 123/06, assinada por representante legal da licitante ou por procurador / credenciado, munido de procuração hábil, nos termos da Lei, ou de carta de credenciamento. 7. DO PROCESSAMENTO E JULGAMENTO 7.1 Após a divulgação do edital no endereço eletrônico os licitantes deverão encaminhar proposta conforme o disposto no item 8 deste Edital, até a data e hora marcada para abertura da sessão, exclusivamente por meio do sistema eletrônico, quando, então, encerrar-se-á, automaticamente, a fase de recebimento de propostas. 7.2 Até a abertura da sessão, os licitantes poderão retirar ou substituir a proposta anteriormente apresentada. 7.3 A partir do horário previsto no edital para abertura da sessão pública a pregoeira e licitantes deverão acessar a sala de disputa, no endereço eletrônico com a utilização da chave de acesso e senha. 7.4 Se por algum motivo a sessão pública não puder ser realizada na data e horário previstos, os participantes deverão ficar atentos para nova data e horário que serão disponibilizados no endereço eletrônico opção consultar mensagens. 7.5 A pregoeira verificará as propostas apresentadas, desclassificando aquelas que não estejam em conformidade com disposto no item 8 deste Edital. 7.6 A desclassificação de proposta será sempre fundamentada e registrada no sistema, com acompanhamento em tempo real por todos os participantes. 7.7 O sistema disponibilizará campo próprio para troca de mensagens entre a Pregoeira e os licitantes. 7.8 O sistema ordenará, automaticamente, as propostas classificadas pela Pregoeira, sendo que somente estas participarão da fase de lance. 7.9 Classificadas as propostas, a Pregoeira dará início à fase competitiva, quando então os licitantes poderão encaminhar lances exclusivamente por meio do sistema eletrônico. 5

6 7.10 Os licitantes poderão oferecer lances sucessivos, observados o horário fixado para abertura da sessão e as regras estabelecidas neste Edital O licitante somente poderá oferecer lance inferior ao último por ele ofertado e registrado pelo sistema Não serão aceitos dois ou mais lances iguais, prevalecendo aquele que for recebido e registrado primeiro Durante a sessão pública, os licitantes serão informados, em tempo real, do valor do menor lance registrado, vedada a identificação do licitante A etapa de lances da sessão pública será encerrada por decisão da pregoeira e o sistema eletrônico encaminhará aviso de fechamento iminente dos lances, após o que transcorrerá período de tempo de até 30 (trinta) minutos, aleatoriamente determinado, findo o qual será automaticamente encerrada a recepção de lances No caso de desconexão com a pregoeira, no decorrer da etapa de lances, o sistema eletrônico poderá permanecer acessível aos licitantes para recepção dos lances, retomando o Pregoeiro, quando possível, sua atuação no Pregão, sem prejuízos dos atos realizados Quando a desconexão persistir por tempo superior a 10 (dez) minutos, a sessão do pregão será suspensa e terá reinício somente após comunicação expressa aos participantes no endereço eletrônico opção consultar mensagem Após o encerramento da etapa de lances da sessão pública, a pregoeira poderá encaminhar pelo sistema eletrônico contraproposta ao licitante que tenha apresentado lance mais vantajoso, para que seja obtida melhor proposta, observado o critério de julgamento, não se admitindo negociar condições diferentes daquelas previstas neste Edital. A negociação será realizada por meio do sistema, podendo ser acompanhada pelos demais licitantes Encerrada a etapa de lances da sessão pública, a empresa detentora da proposta de menor valor encaminhará, por intermédio do fax (81) ou no prazo máximo de 02(duas) horas, a proposta de preços de acordo com as exigências do item 9-PROPOSTA FORMAL (ESCRITA), bem como os documentos relativos à habilitação, constantes no item 10- HABILITAÇÃO devendo encaminhar posteriormente os documentos originais ou cópias autenticadas, no prazo de 03 (três) dias úteis para o seguinte endereço: Rua Amélia nº 50 Espinheiro Recife-PE Se a proposta ou o lance de menor valor não for aceitável, ou se o licitante desatender às exigências da habilitação, a pregoeira examinará a proposta ou o lance subseqüente, verificando a sua compatibilidade e a habilitação do licitante, na ordem de classificação, e assim sucessivamente, até a apuração de uma proposta ou lance que atenda o Edital. Também nessa etapa a pregoeira poderá negociar com a participante para que seja obtido preço melhor Constatado o atendimento às exigências fixadas no edital, o licitante será declarado vencedor Declarado o vencedor, qualquer licitante poderá, durante a sessão pública, de forma imediata e motivada, e no prazo estipulado pelo Pregoeiro, sendo no mínimo de 30 (trinta) minutos, em campo próprio do sistema, manifestar sua intenção de recorrer, e se esta for aceita pela Pregoeira, mediante juízo de admissibilidade, lhe será concedido o prazo de três dias para apresentar as razões de recurso, ficando os demais licitantes, desde logo, intimados para, 6

7 querendo, apresentarem contrarrazões em igual prazo, que começará a contar do término do prazo do recorrente, sendo-lhes assegurada vista imediata dos elementos indispensáveis à defesa dos seus interesses A falta de manifestação imediata e motivadamente, importará a decadência do direito de recurso, ficando a pregoeira autorizada a adjudicar o objeto ao licitante vencedor Decididos os recursos e constatada a regularidade dos atos procedimentais, a autoridade competente adjudicará o objeto e homologará o procedimento licitatório No julgamento da habilitação e das propostas, a pregoeira poderá sanar erros ou falhas que não alterem a substância das propostas, dos documentos e sua validade jurídica, mediante despacho fundamentado, registrado em ata e acessível a todos, atribuindo-lhes validade e eficácia para fins de habilitação e classificação O sistema gerará atas circunstanciadas da sessão e relatório de disputa, nos quais estarão registrados todos os atos do procedimento e as ocorrências relevantes, e ficarão disponíveis para consulta no endereço eletrônico 8. DA PROPOSTA ELETRÔNICA 8.1 Até a data e horários definidos no preâmbulo deste Edital e no sistema eletrônico do Banco do Brasil S/A, cada licitante credenciada deverá enviar, exclusivamente por meio eletrônico, no endereço eletrônico sua proposta eletrônica, com base nas seguintes informações: A proposta de preços será elaborada eletronicamente, com base na especificação constante no ANEXO I - TERMO DE REFERÊNCIA e ANEXO II PLANILHA DE ESPECIFICAÇÕES E QUANTITATIVOS E PREÇOS deste Edital; Deverá ser lançado em campo próprio apresentado pelo sistema eletrônico o valor global do lote, expressos em reais contemplando todos os encargos e despesas necessárias à execução do objeto da licitação; É facultada ao licitante anexar arquivo de sua proposta no campo próprio do sistema eletrônico não podendo conter qualquer dado que possibilite a identificação da empresa; O julgamento das propostas obedecerá ao critério do MENOR PREÇO GLOBAL; O encaminhamento de proposta pressupõe o pleno conhecimento e atendimento às exigências previstas no edital e seus anexos. A licitante será responsável por todas as transações que forem efetuadas em seu nome no sistema eletrônico, assumindo como firmes e verdadeiras suas propostas e lances. 9. DA PROPOSTA FORMAL (ESCRITA) 9.1 A licitante detentora do lance de menor valor deverá apresentar proposta formal (escrita) juntamente com os documentos de habilitação, devendo obedecer aos seguintes critérios: Ser impressa através de edição eletrônica de textos, sem emendas, rasuras ou entrelinhas, assinada na última folha e rubricada nas demais pelo seu representante legal, 7

8 contendo ainda razão social, endereço e CNPJ do licitante, bem como a identificação do processo licitatório; Conter descrição completa e detalhada dos serviços em conformidade com ANEXO III - MINUTA DA PROPOSTA DE PREÇOS; Conter valor total dos itens, bem como o valor global da proposta devidamente adequado ao valor definido na sessão pública. Os valores deverão ser expressos em reais, com no máximo de 02 (duas) casas decimais após a vírgula contemplando todos os encargos (obrigações sociais, impostos, taxas, etc) e despesas necessárias à execução do objeto da licitação; Conter prazo de validade da proposta, de acordo com o subitem 8.2 deste Edital. 10. DA HABILITAÇÃO 10.1 Para fins de habilitação, a licitante detentora do lance de menor valor deverá apresentar a documentação relacionada nos subitens a seguir: REGULARIDADE JURÍDICA: Registro comercial, no caso de empresa individual; Ato constitutivo, estatuto ou contrato social consolidado, nos termos do novo Código Civil em vigor, inclusive a última alteração, se houver, devidamente registrados no órgão competente; Inscrição do ato constitutivo, no caso de sociedades civis, acompanhada de prova de diretoria em exercício; Decreto de autorização, em se tratando de empresa ou sociedade estrangeira em funcionamento no País, e ato de registro ou autorização para funcionamento expedido pelo órgão competente, quando a atividade assim o exigir REGULARIDADE FISCAL E TRABALHISTA: Prova de Inscrição no Cadastro Nacional de Pessoa Jurídica (CNPJ), de acordo com a Instrução Normativa RFB N.º 748, de 28 de julho de 2007; Prova de Inscrição no Cadastro de Contribuinte Municipal, relativo ao domicílio ou sede do licitante, pertinente ao seu ramo de atividade e compatível com o objeto contratual; Prova de regularidade para com a Fazenda Federal, através de certidão negativa de débitos relativos a tributos federais e divida ativa da União expedida pela Procuradoria Geral da Fazenda Nacional e Receita Federal do Brasil; Prova de Regularidade Fiscal para com a Fazenda Estadual do domicílio ou sede do licitante, devendo as empresas sediadas em outras Unidades Federativas apresentarem a Prova de Regularidade Fiscal frente ao Fisco do Estado de Pernambuco, que poderá ser retirada na Secretaria da Fazenda do Estado, ou através do Site: 8

9 Prova de regularidade para com a Fazenda Municipal do domicílio ou sede do licitante; Prova de regularidade relativa à Seguridade Social (INSS), através da apresentação de Certidão Negativa de Débito (CND) expedida pelo Instituto Nacional da Seguridade Social; Prova de regularidade relativa ao Fundo de Garantia por Tempo de Serviço (FGTS), através da apresentação do CRF - Certificado de Regularidade do FGTS expedido pela Caixa Econômica Federal Prova de inexistência de débitos perante a Justiça do Trabalho, comprovada através da Certidão Negativa de Débitos Trabalhistas CNDT, fornecida pelo Tribunal Superior do Trabalho (esta certidão pode ser obtida através do site QUALIFICAÇÃO ECONÔMICO-FINANCEIRA: Certidão Negativa de Falência, Recuperação Judicial ou Extrajudicial expedida pelo distribuidor da sede da pessoa jurídica; Comprovação de patrimônio líquido mínimo de 10% (dez por cento) do valor estimado da contratação; Balanço Patrimonial, demonstrações do resultado e demais demonstrações contábeis do último exercício social (2013), exigíveis e apresentados na forma da lei, que comprovem a boa situação financeira da empresa, vedada a sua substituição por balancetes ou balanços provisórios, podendo ser atualizados por índices oficiais, quando encerrado há mais de três meses da data fixada para recebimento dos envelopes; a) Os balanços e demonstrações devem conter os registros no órgão competente e estar devidamente assinados pelo administrador da empresa e pelo profissional habilitado junto ao Conselho Regional de Contabilidade CRC, e vir acompanhados dos termos de abertura e de encerramento; b) A boa situação da empresa será comprovada através dos Índices de Liquidez Geral (LG) e Liquidez Corrente (LC), maiores ou iguais a 1,0 (um) extraídos do Balanço Patrimonial, que poderão vir calculados pela licitante, mediante aplicação das seguintes fórmulas: AC + ARLP Liquidez Geral = ( maior ou igual ) 1,0 PC + PELP AC Liquidez Corrente = (maior ou igual) 1,0 PC Onde: AC = Ativo Circulante; ARLP = Ativo Realizável a Longo Prazo; PC = Passivo Circulante; PELP = Passivo Exigível a Longo Prazo. 9

10 QUALIFICAÇÃO TÉCNICA: Capacidade técnico-operacional: Um atestado de capacidade técnica, ou mais, em nome da empresa licitante, expedido(s) por pessoa jurídica de direito público ou privado, que comprove(m) ter a licitante executado serviço(s) compatível(is) com objeto da presente licitação; Certificado válido de cadastramento no Ministério do Turismo, de que trata o art. 22 da Lei /2008, demonstrando que está autorizado a prestar serviço de organização de eventos DECLARAÇÕES: Declaração, para atender o disposto no inciso V do Art. 27 da Lei nº 8.666, de 21 de junho de 1993, acrescido pela Lei nº 9.854, de 27 de outubro de 1999, que não emprega menor de 18 (dezoito) anos em trabalho noturno, perigoso ou insalubre e não emprega menor de 16 (dezesseis) ano assinada pelo Diretor/Sócio ou representante legal, conforme modelo constante no ANEXO V do Edital; Declaração do Licitante da Inexistência de Fato Superveniente Impeditivo da habilitação, bem como declaração de que não foi declarada inidônea e nem está suspensa de participar de Licitações em nenhum Órgão Federal, Estadual e Municipal assinada pelo Diretor/Sócio ou representante legal, conforme modelo constante no ANEXO VI do Edital; Declaração do Licitante de que não está incursa em nenhum dos impedimentos do 4º do art. 3º da Lei Complementar n.º 123/06, assinada pelo Diretor/Sócio ou representante legal, conforme modelo constante no ANEXO VII do Edital. (no caso das MEs e EPPs) A documentação exigida para habilitação deverá ser apresentada em original, por qualquer processo de cópia autenticada por cartório competente, pela pregoeira ou membro da equipe de apoio, ou publicação em órgão da imprensa oficial, vedada a sua apresentação de forma ilegível. A documentação que for emitida via Internet terá sua autenticidade verificada no respectivo site Os documentos exigidos na habilitação que não fizeram menção a prazo, terá validade de 90(noventa) dias a contar da data de expedição Serão admitidas em conformidade com o artigo 206 do Código Tributário Nacional, certidões positivas com efeitos de negativas Será inabilitado a licitante que deixar de apresentar quaisquer documentos exigidos ou apresentá-los em desacordo com o estabelecido nos subitens acima. 11. DA IMPUGNAÇÃO DO EDITAL E DOS RECURSOS ADMINISTRATIVOS 11.1 As impugnações e os pedidos de esclarecimentos referentes ao Edital e seus anexos, bem como quaisquer informações sobre incorreção ou discrepância neles encontradas, deverão ser encaminhados, por intermédio do fax (81) ou no prazo de até 02(dois) dias úteis antes da data fixada para abertura da sessão pública. 10

11 11.2 Declarado o vencedor, qualquer licitante poderá, de forma imediata e motivada, manifestar sua intenção de recorrer, conforme estabelecido nos subitens 7.21 e 7.22 deste Edital Não será concedido prazo para recursos sobre assuntos meramente protelatórios ou quando não motivada a intenção de interpor o recurso pelo proponente; 11.4 O acolhimento de recurso importará a invalidação apenas dos atos insuscetíveis de aproveitamento Na hipótese de interposição de recurso, os autos do processo permanecerão com vista franqueada aos interessados Os recursos deverão ser dirigidos ao Presidente do CRF-PE por intermédio da Pregoeira, devidamente protocolado Decididos os recursos, a autoridade competente fará a adjudicação do objeto da licitação ao licitante vencedor e homologará o procedimento licitatório. 12. CONDIÇÕES PARA EXECUÇÃO DOS SERVIÇOS 12.1 A execução dos serviços estará rigorosamente condicionada à verificação do atendimento às exigências e especificações previstas nos ANEXOS I, II e IV deste Edital, e ao vencedor adjudicatório que deixar de executar os serviços ou executá-lo em desacordo com as especificações serão aplicadas às sanções previstas no item 14 deste Edital. 13. FORMALIZAÇÃO DO INSTRUMENTO CONTRATUAL 13.1 Homologada a licitação pela autoridade competente, o CRF-PE emitirá a nota de empenho e convocará a licitante vencedora para assinatura do contrato correspondente A licitante vencedora terá o prazo de 02 (cinco) dias úteis, contados a partir da convocação, para assinar o contrato No ato da contratação, a licitante vencedora deverá apresentar documento de procuração devidamente reconhecido em cartório, que habilite o seu representante a assinar o contrato em nome da empresa Quando a licitante vencedora não apresentar situação regular, no ato da assinatura do contrato ou dentro do prazo estabelecido, não comparecer para assinatura do contrato, a Pregoeira examinará a proposta ou lance subseqüente, verificando a sua aceitabilidade e procedendo a sua habilitação, na ordem de classificação e assim sucessivamente, até a apuração de uma proposta ou lance que atenda ao edital, sendo a respectiva licitante declarada vencedora, a ela adjudicada o objeto do certame e convocada para celebrar o contrato, sem prejuízo da aplicação das sanções cabíveis. 14. SANÇÕES ADMINISTRATIVAS 14.1 A licitante vencedora que, dentro do prazo de validade de sua proposta, negar-se a assinar contrato ou não retirar a nota de empenho, deixar de entregar a documentação exigida no certame, apresentar documentação falsa, ensejar o retardamento da execução de seu objeto, não mantiver a proposta, falhar ou fraudar na execução do contrato, comportar-se de modo inidôneo, fizer declaração falsa ou cometer fraude fiscal, ficará impedida de licitar e 11

12 contratar com o CRF-PE, União, Estados, Distrito Federal ou Municípios, pelo prazo de até 5 (cinco) anos, sem prejuízo da multa elencada abaixo: Multa, de até 20% (vinte por cento) sobre o valor total do contrato, a critério da Administração, levando-se em conta o prejuízo causado, devidamente fundamentado, devendo ser recolhida no prazo máximo de 05(cinco) dias úteis a contar da notificação Nenhuma sanção será aplicada sem o devido processo administrativo que prevê defesa prévia do interessado e recurso nos prazos definidos em lei, sendo-lhe franqueada vista ao processo As multas previstas no subitem não têm caráter compensatório e o seu pagamento não eximirá o vencedor do certame da responsabilidade por perda e danos decorrentes das infrações cometidas. 15. DISPOSIÇÕES FINAIS 15.1 A presente licitação não importa necessariamente em contratação, podendo o CRF-PE revogá-la, no todo ou em parte, por razões de interesse público, derivadas de fato superveniente comprovado ou anulá-la por ilegalidade, de ofício ou por provocação mediante ato escrito e fundamentado disponibilizado no sistema para conhecimento dos participantes da licitação. A Pregoeira poderá, ainda, prorrogar, a qualquer tempo, os prazos para recebimento das propostas ou para sua abertura A licitante é responsável pela fidelidade e legitimidade das informações prestadas e dos documentos apresentados em qualquer fase da licitação. A falsidade de qualquer documento apresentado ou a inverdade das informações nele contidas implicará a imediata desclassificação da licitante que a tiver apresentada, ou, caso tenha sido a vencedora, a rescisão do contrato, sem prejuízo das demais sanções cabíveis É facultado a Pregoeira, ou à autoridade a ela superior, em qualquer fase da licitação, promover diligências com vistas a esclarecer ou a complementar a instrução do processo As licitantes intimadas para prestar quaisquer esclarecimentos adicionais deverão fazê-lo no prazo determinado pela Pregoeira, sob pena de desclassificação/inabilitação As normas que disciplinam este Pregão serão sempre interpretadas em favor da ampliação da disputa entre as licitantes, desde que não comprometam o interesse da Administração, a finalidade e a segurança da contratação Os casos não previstos neste Edital serão decididos pela Pregoeira, observada a Legislação em vigor A participação da licitante nesta licitação implica em aceitação de todos os termos deste Edital São componentes deste Edital os seguintes documentos: ANEXO I TERMO DE REFERÊNCIA; ANEXO II PLANILHA DE ESPECIFICAÇÕES E QUANTITATIVOS E PREÇOS ANEXO III MINUTA DA PROPOSTA DE PREÇOS; ANEXO IV MINUTA DO CONTRATO; ANEXO V MINUTA DA DECLARAÇÃO NOS TERMOS DO INCISO XXXIII DO ARTIGO 7º CF; 12

13 ANEXO VI MINUTA DA DECLARAÇÃO DE INEXISTÊNCIA DE FATO SUPERVENIENTE; ANEXO VII MINUTA DA DECLARAÇÃO DE ENQUADRAMENTO NO ART. 3º E NÃO INCURSÃO; NOS IMPEDIMENTOS DO 4º DO MESMO ARTIGO DA LEI COMPLEMENTAR Nº 123/ Consideram-se partes integrantes e indivisíveis deste Edital, quaisquer condições que estiverem inclusas em seus Anexos O foro designado para julgamento de quaisquer questões judiciais resultantes deste Edital será o da Justiça Federal da seção judiciária do estado de Pernambuco. Recife, 10 de março de LUSINETE ROCHA PREGOEIRA CRF-PE VISTO Conforme o que prevê o art. 8º do Decreto Estadual nº /01 e parágrafo único do art. 38 da Lei Federal nº 8.666/93. PROCURADOR JURÍDICO CRF-PE 13

14 ANEXO I TERMO DE REFERÊNCIA 1. JUSTIFICATIVA: A contratação de empresa organizadora de eventos tem por finalidade atender ao Conselho Regional de Farmácia do Estado de Pernambuco-CRF-PE, nas ações de planejamento, organização e execução da SOLENIDADE DE OUTORGA DA COMENDA DO MÉRITO FARMACÊUTICO DO ESTADO DE PERNAMBUCO e do I ENCONTRO PELA VALORIZAÇÃO DA PROFISSÃO FARMACÊUTICA. A reunião desses serviços em um único contrato decorre da concreta interligação entre todos eles para o alcance da finalidade que fundamenta a realização do evento, ou seja, a falta de integração e insucesso de um deles poderia comprometer todos os demais serviços, assim, como evitar fracionamento de licitação de objetos para o mesmo fim, contrariando a lei 8.666/93. A Comenda do Mérito Farmacêutico criada pela Resolução do CFF Nº 323/98, de 16/01/98, homenageia farmacêuticos, autoridades e instituições nacionais que prestaram notáveis serviços de importância e relevo que contribuem para o desenvolvimento da ciência, da profissão farmacêutica e nos cuidados de saúde para os cidadãos Pernambucanos. Uma tradição que vem sendo realizada pelos Conselhos de Farmácia há 15 anos, cujo momento, propicia a aproximação e valorização dos farmacêuticos e autoridades de Pernambuco, para exaltação e estímulo ao contínuo trabalho em prol do bem estar da população. O I Encontro pela Valorização da Profissão Farmacêutica tem o objeto de atender a demanda do Conselho Federal de Farmácia, que na reunião nacional de luta pela valorização da profissão farmacêutica entre entidades, deliberou pela instalação de Fórum Permanente em Defesa da Profissão Farmacêutica nos Estados do Brasil. 2. OBJETO: Constitui-se objeto deste Termo de Referência a CONTRATAÇÃO DE EMPRESA PARA PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS EM ORGANIZAÇÃO DE EVENTOS, VISANDO O PLANEJAMENTO, ORGANIZAÇÃO, EXECUÇÃO E ACOMPANHAMENTO DE TODAS AS ATIVIDADES DE INFRAESTRUTURA LOGÍSTICA E OPERACIONAL NECESSÁRIAS À REALIZAÇÃO DO EVENTO INTITULADO: SOLENIDADE DE OUTORGA DA COMENDA DO MÉRITO FARMACÊUTICO DO ESTADO DE PERNAMBUCO e do I ENCONTRO PELA VALORIZAÇÃO DA PROFISSÃO FARMACÊUTICA, conforme as especificações constantes no ANEXO II PLANILHA DE ESPECIFICAÇÕES, QUANTITATIVOS E PREÇOS. 3. VALOR ESTIMADO DA PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS: O valor estimado da prestação de serviços contrato importa em R$90.347,42 (noventa mil, trezentos e quarenta e sete reais e quarenta e dois centavos), conforme o discriminado no ANEXO II PLANILHA DE ESPECIFICAÇÕES, QUANTITATIVOS E PREÇOS. 14

15 4. ESPECIFICAÇÃO DOS SERVIÇOS: CONSELHO FEDERAL DE FARMÁCIA 4.1 PARTICIPANTES: Estima-se a participação de 500 pessoas. 4.2 COMISSÃO ORGANIZADORA: A Comissão Organizadora poderá contar, ainda, com colaboradores eventuais para auxiliar na realização da SOLENIDADE DE OUTORGA DA COMENDA DO MÉRITO FARMACÊUTICO DO ESTADO DE PERNAMBUCO e do I ENCONTRO PELA VALORIZAÇÃO DA PROFISSÃO FARMACÊUTICA, a qual será formada pela Diretoria do CRF-PE. 4.3 PROGRAMAÇÃO: A data do evento será definida junto a licitante vencedora para o mês de abril ou maio com a seguinte programação: PRIMEIRO DIA 08:00 09:00 Credenciamento 09:00 09:30 Mesa de Abertura 09:30 12:00 Mesa Redonda sobre o Trabalho Farmacêutico 14:00 15:00 I Conferência 15:00-16:00 II Conferência 16:00 17:00 - Debate SEGUNDO DIA 08:00 08:30 Credenciamento 08:30 12:00 Painel sobre as novas perspectivas de atuação do farmacêutico 14:00 16:00 Instalação do Fórum Estadual Permanente de Entidades Farmacêuticas pela Valorização Profissional, CRF, SINFARPE, AFP, ENEFAR, UFPE e demais 17:00 19:00 -Solenidade de Outorga da comenda do Mérito Farmacêutico do Estado de Pernambuco. 19:00 00:00 Coquetel com apresentação de banda artística farmacêutico patrocinada. 4.4 ETAPAS DO EVENTO: Planejamento: levantamento de todas as atividades de infraestrutura logística e operacional necessárias à realização do evento, com seus respectivos prazos; Organização: operacionalização de todas as atividades definidas no planejamento; Execução: preparação para a realização do próprio evento; Finalização e Avaliação: liquidação de todas as pendências decorrentes das atividades realizadas para a execução do evento, prestação de contas do evento, devolução de toda e qualquer documentação de suporte, avaliação do evento. Todas as etapas acima são de responsabilidade da empresa contratada; a mesma deverá disponibilizar equipe técnica para desenvolver todas as atividades relacionadas à execução/realização do evento. A Comissão Organizadora subsidiará e apoiará com todas as informações necessárias para a boa execução do evento. 15

16 4.5 ATIVIDADES PRÉ-EVENTO: CONSELHO FEDERAL DE FARMÁCIA Planejar, organizar, coordenar e desenvolver todas as atividades necessárias à realização do evento, bem como definir, conjuntamente com a Comissão Organizadora, a política de execução Apresentar ao CRF-PE, no prazo de até 24(vinte e quatro) horas, contados da data da assinatura do contrato, para a prévia aprovação, Plano de Trabalho (pré-evento, durante o evento e após evento) compatibilizado com as exigências e obrigações impostas pela Contratante, para minudenciar a execução do objeto do contrato A execução do objeto do contrato somente iniciar-se-á após a prévia autorização da Contratante ao Plano de Trabalho apresentado Elaborar o cronograma de ação de todas as atividades preparatórias do evento e fazê-lo cumprir Participar ativamente das reuniões da Comissão Organizadora, quando solicitada, para apresentação de relatórios do progresso do evento Fazer o levantamento e dimensionamento das necessidades gerais no local de realização do evento, adotando-se todas as medidas pertinentes ao bom funcionamento do mesmo Verificar e adaptar todas as instalações físicas (elétrica, sonora, hidráulica, banheiros, iluminação, ventilação) necessárias ao bom funcionamento do evento, considerando-se a infraestrutura a ser utilizada no evento Planejar e organizar o credenciamento e o cerimonial do evento Preparar o material promocional do evento para sua expedição Preparar a expedição dos convites oficiais para as autoridades elencadas pela Comissão Organizadora, providenciar o sistema de confirmação e controlar a presença dos convidados oficiais, autoridades e demais participantes Elaborar, arquivar e controlar o recebimento e envio das correspondências relativas aos eventos Providenciar licenças e alvarás necessários à realização do evento Fiscalizar as presenças e os horários de todas as pessoas prestadoras de serviços envolvidas na realização do evento, resultantes da execução do contrato, que incidam ou venham a incidir nos serviços Supervisionar, executar e assumir a responsabilidade em relação às adaptações necessárias no local do evento, que porventura tiverem que ser feitas para uma boa execução do evento, quando solicitadas pela Contratante Providenciar, com antecedência de até 12 horas, o transporte de todos os materiais e equipamentos previstos para instalação no local do evento Supervisionar e testar, com até 12 horas de antecedência, a instalação de todos os materiais e equipamentos necessários à realização do evento. 16

17 Orientar e supervisionar in loco o desenvolvimento dos serviços e a infraestrutura do local, apresentando-os no prazo de até 12 horas antes do início do evento, para vistoria e aprovação da Comissão Organizadora do evento Durante a fase de planejamento do evento, caso seja verificada qualquer anormalidade ou impropriedade com relação aos serviços a serem executados, a Contratada deverá comunicar, por escrito, à Comissão Organizadora, prestando os devidos esclarecimentos, para deliberação quanto à necessidade de se realizar os respectivos ajustes. 4.6 ATIVIDADES DA CONTRATADA DURANTE EVENTO: Acompanhar as recepcionistas nas ações de recepção e credenciamento dos participantes, Manter equipe técnica para operacionalização, acompanhamento, facilitação e sistematização dos produtos do encontro Acompanhar as ações da Assessoria de Comunicação referentes à cobertura do evento, conforme atribuição a ela conferida pela Comissão Organizadora Repassar para a sua equipe as diretrizes de trabalho durante o evento, promovendo constante supervisão Realizar os serviços por meio de empregados e prestadores de serviços especializados, devidamente credenciados, uniformizados, portando crachá de identificação, em completa condição de higiene e segurança Supervisionar e orientar seus empregados e prestadores de serviços, mantendo entendimentos com a Comissão Organizadora, visando o fiel desempenho dos serviços contratados, observando sempre os critérios de qualidade a serem prestados. 4.7 ATIVIDADES DA CONTRATADA PÓS EVENTO: Consolidar o credenciamento, bem como, a tabulação desses dados Elaborar relatório de atividades, após a execução dos serviços, além de relatório final de atividades após o evento Repassar à Comissão Organizadora o arquivo organizado das correspondências enviadas e recebidas no transcorrer do evento Apresentar agradecimentos, por meio de ofícios, a todos aqueles que participaram ou colaboraram de alguma forma para o sucesso do evento Liquidar todas as pendências que possam surgir sobre instalações, materiais, pessoal ou equipamentos, imediatamente após o término do evento Devolver à Comissão Organizadora todos os materiais não utilizados Disponibilizar em mídias eletrônicas todos os dados que foram gerados nos equipamentos de informática disponibilizados para o evento. 17

18 ANEXO II PLANILHA DE ESPECIFICAÇÕES, QUANTITATIVOS E PREÇOS. ITEM ESPECIFICAÇÃO VALOR TOTAL 01 LOCAÇÃO DE ESPAÇO FÍSICO: Auditório: com capacidade para 500 pessoas sentadas para abertura, palestras e mesa redonda. Este espaço deverá ser climatizado, com sonorização ambiente, ponto lógico de internet e acesso wireless e gerador, instalações sanitárias dimensionadas e compatíveis com o número de pessoas previsto para a ocupação desses, inclusive no que se refere a instalações sanitárias adaptadas a pessoa com necessidades especiais, ambiente em conformidade com legislação e inspeções de segurança, bem como contemplar um espaço na entrada do auditório para recepção e credenciamento dos participantes e todo o mobiliário: mesa diretora e cadeiras para 08 pessoas, mesas e cadeiras para o credenciamento, todas as mesas com toalhas e cadeiras com capas na cor branca. Salão de eventos: com capacidade para 500 pessoas para realização do coquetel volante com apresentação de banda artística farmacêutica (os quais serão patrocinados). Este espaço deverá contemplar ambiente e cozinha montada com estrutura necessária para suporte do serviço de coquetel ,55 OBS: Os 2 (dois) espaços deverão estar localizado na cidade do Recife ou Região Metropolitana do Recife (RMR) e no mesmo endereço com estacionamento para no mínimo 200 veículos, bem como condições de acessibilidade para portadores de necessidades especiais. 02 LOCAÇÃO DE EQUIPAMENTOS: 02 (dois) notebooks, configurações mínimas de referência: Processador Intel Core i3 ou superior; Memória de 4 GB; Interface de Rede Ethernet 10/100/1000; Placa Wireless; Bluetooth 2.0; 3 portas USB 2.0; 1 porta para rede local; 1 porta VGA para monitor; 1 entrada para microfone; 1 saída para fone de ouvido /SPDIF; 1 conector para entrada DC; Disco rígido de 120GB, interno ao gabinete; Unidade óptica slim integrada, sendo gravador de DVD e gravador de CD-RW; Teclado padrão ABNT com todos os caracteres da língua portuguesa do Brasil, inclusive a tecla cedilha (ç); Tela TFT/LCD do tipo XGA ou WXGA, com dimensão mínima de 15, podendo ser Widescreen; Interface de Rede sem Fio (WiFi) padrão a/b/g. A interface de rede sem fio deve estar integrada ao gabinete; Interface de rede Bluetooth v2.0; Software Windows XP/ 2000/Vista Business / 7, em português; Software Internet Explorer 8.0 ou superior; Software Microsoft Office 2007 ou superior, todos licenciados. 02 (dois) desktops, configurações mínimas de referência: Processador Intel Core i3 ou superior; 4 GB de memória RAM; Disco Rígido Padrão SATA de 320 GB; Drive leitor/gravador de CD/DVD; Placa de Rede Local Intel 10/100/1000; Placa Wireless; 2 interfaces USB (Universal Serial Bus); Teclado Enhanced Brasil ABNT Variante II -107 teclas (padrão brasileiro) todos os caracteres da língua portuguesa); Software Windows XP / 2000 / Vista / 7; Software Internet Explorer 8.0 ou superior; Software Microsoft Office 2007 ou superior, todos licenciados; Mouse ótico; Mouse pad; Fonte de Alimentação 250W 110/220V; Monitor 17" LCD. 01 (uma) impressora multifuncional tipo laser, configurações mínimas de referência: (digitalizador de imagens colorido (scanner), copiadora, fac-simile e impressora preto e branco, velocidade mínima de 20 ppm no modo monocromático e 20 no modo colorido; Resolução mínima de 600 x 600 dpi; Memória mínima de 64 MB; Ciclo mensal mínimo de páginas; Conectividade: Rede 10/100 Base-T TCP/IP integrada com 1 porta RJ-45; Porta USB de alta-velocidade; Wireless (802,11 b/g); Compatível com Linguagens: PCL6, PCL5e, PostScript emulação nível 3; Bandeja multiuso para no mínimo 30 folhas; Bandeja padrão para no mínimo 250 folhas; Bandeja de saída para no mínimo 250 folhas; Modo duplex; Tipo de mídia: Papel (A4, carta, reciclado) e envelopes; Compatibilidade com sistemas operacionais: Windows XP e Vista, Incluso ,50 18

19 material de consumo (toner) para impressão estimada de até páginas. 01 (um) projetor multimídia, tipo datashow, configurações mínimas de referência: ansi-lumens, incluso cabos adaptadores, controle remoto. 02 (duas) telas de projeção, configurações mínimas de referência: de 150 polegadas (aproximadamente 2,44m x 1,83m) com tripé ou pendurada. 02 (dois) apresentadores de slide/apontador laser sem fio, 2 em 1, configurações mínimas de referência: apresentador sem fio e apontador Laser; plug-and-play: Dispensa a instalação de qualquer Software ou Driver. Interface: USB 1.1 e 2.0; 1 pilha AAA inclusa; Tipo de Transmissão: Radio Freqüência (2.4 GHz); Distância Máxima: 15 metros. 01 (um) sistema de som completo, equipamentos necessários a sonorização e gravação de um ambiente com 500 pessoas, incluindo: amplificador, 03 (três) microfones sem fio, tipo Shure Beta com fornecimento de bateria para utilização durante todo o evento, caixas de som (sonorização) compatível para ambiente com 500 pessoas, cabos e demais materiais necessários à operação do sistema. 01(um) sistema de iluminação profissional, equipamentos necessários a iluminação do auditório e salão de eventos, compatível para os 2 ambientes, incluindo todos os materiais necessários à operação do sistema. 03 SERVIÇO DE SUPORTE OPERACIONAL: 1 (um) coordenador, requisito mínimo: profissional com experiência comprovada na coordenação e organização de eventos, de dimensão equivalente ao evento contratado, responsável pelo acompanhamento, monitoramento, orientação e execução de todas as atividades necessárias à realização do evento. 1 (um) mestre de cerimônias, requisito mínimo: profissional com capacitação e registro no Conselho Nacional do Cerimonial Público e renome estadual. 6 (seis) recepcionistas, requisito mínimo: profissionais deverão ser qualificadas para a realização de serviços de recepção e credenciamento, com no mínimo o ensino médio completo. Principais atividades: recepcionar, credenciar, identificar e encaminhar os convidados e demais autoridades e participantes do evento; receber e distribuir a programação, bem como outros materiais relacionados ao evento; atender com presteza às solicitações dos palestrantes, autoridades, convidados e demais participantes do evento; acompanhar as exposições durante o evento, assessorando no que se fizer necessário; demais atividades pertinentes aos serviços de recepção e atividades de apoio ao auditório e salão de eventos. 1 (um) operador e técnico para equipamentos de informática, requisitos mínimos: profissionais qualificados para montagem, desmontagem, manutenção e operação de desktop, notebook, impressora, projetor multimídia. 1 (um) operador e técnico para equipamentos de som, requisitos mínimos: profissionais qualificados para montagem, desmontagem, manutenção e operação no sistema de som. 1 (um) operador e técnico para equipamentos de iluminação, requisitos mínimos: profissional qualificado para montagem, desmontagem, manutenção e operação no sistema de iluminação profissional. 4 (quatro) auxiliares de serviços gerais, requisitos mínimos: profissionais qualificados, para execução dos serviços de limpeza e conservação de ambientes comuns e específicos do evento, devidamente uniformizado, incluindo todo o material e equipamentos necessários. 3 (três) seguranças, requisitos mínimos: profissionais qualificados, que atuem na segurança desarmada, diurna e noturna, uniformizados, para atendimento ao evento. 04 SERVIÇO DE SONORIZAÇÃO: Sonorização ambiente do encontro e cerimonia da solenidade, através de saxofonista ou violinista com experiência comprovada e aprovado pelo CRF-PE. 05 SERVIÇO DE ÁGUA E CAFÉ: Colocação de bebedouro de coluna em aço inox para garrafão de 20l, na sala de recepção do auditório, durante todo o evento, incluindo o suporte para copos e copos , , ,73 19

20 Fornecimento de água mineral na mesa diretora, servida em garrafa de 500ml e copo de vidro. Colocação de uma mesa de café, incluindo o suporte para copos e copos, durante todo o evento. 06 SERVIÇO DE DECORAÇÃO: Auditório: Arranjo de flores - horizontal, medindo 2m de comprimento, 30 cm de largura e 20 cm de altura, com flores e folhagens naturais. Salão de eventos: Arranjos de flores vertical com flores e folhagens naturais, compatível com o ambiente. 07 SERVIÇO DE CRIAÇÃO E PRODUÇÃO DE MATERIAL DE DIVULGAÇÃO: Convite: confecção e impressão de unidades com envelope, em papel couchê fosco, gramatura 150g, medindo 10 x 15 cm, 4 x 4 cores, tinta Escala em Triplez 250 g, com a logomarca do encontro. Certificados: confecção e impressão de 500 unidades, em papel couchê fosco, gramatura 170g, tamanho A5, impresso em cores 4x4, com logomarca do encontro. Bolsa: confecção de 500 bolsas ecológica, estilo sacola, tamanho 40x36cm, com a logomarca do encontro. Crachá: confecção de 500 crachás, formato 12 x 11 cm, sem dobra, impresso em 04 cores, em papel couche brilho, pesando 150g, com a logomarca do encontro. Faixa: confecção de 1 faixa alusiva ao encontro, em lona fosca, 4/4 cores, tamanho 6 X 2 m, acabamento em ilhós para fixação , ,00 OBS: Arte será elaborada pela CONTRATANTE, que deverá ser previamente aprovada pela Comissão Organizadora. VALOR GLOBAL DOS 7 ITENS ,42 20

PREGÃO ELETRÔNICO Nº002/2011/CISMEPA REGISTRO DE PREÇOS

PREGÃO ELETRÔNICO Nº002/2011/CISMEPA REGISTRO DE PREÇOS 1 PREGÃO ELETRÔNICO Nº002/2011/CISMEPA REGISTRO DE PREÇOS O CONSORCIO INTERMUNICIPAL DE SAUDE DO MEDIO PARAIBA, mediante o Pregoeiro Flávio Macharet Barbosa, designado pela Portaria nº 004/2011, de junho

Leia mais

O GOVERNADOR DO ESTADO DO RIO GRANDE DO SUL, no uso da atribuição que lhe confere o art. 82, incisos V e VII, da Constituição do Estado,

O GOVERNADOR DO ESTADO DO RIO GRANDE DO SUL, no uso da atribuição que lhe confere o art. 82, incisos V e VII, da Constituição do Estado, DECRETO N 42.434, DE 09 DE SETEMBRO DE 2003, DOERS. Regulamenta, no âmbito do Estado do Rio Grande do Sul, a modalidade de licitação denominada pregão, por meio eletrônico, para a aquisição de bens e serviços

Leia mais

TOMADA DE PREÇOS Nº 001/2010. SESSÃO DE ABERTURA: Local: Rua Pamplona 1200 7º andar Horário: 10:30 horas do dia 08 de março de 2.

TOMADA DE PREÇOS Nº 001/2010. SESSÃO DE ABERTURA: Local: Rua Pamplona 1200 7º andar Horário: 10:30 horas do dia 08 de março de 2. IMPORTANTE: PARA PARTICIPAR DA LICITAÇÃO O INTERESSADO DEVERÁ RETIRAR O EDITAL SOB PROTOCOLO COM 03 (TRÊS) DIAS DE ANTECEDENCIA NA SEDE DO CONSELHO SITUADO À RUA PAMPLONA, 1200 JD PAULISTA CEP: 01405-001

Leia mais

INSCRIÇÃO OU RENOVAÇÃO CADASTRAL

INSCRIÇÃO OU RENOVAÇÃO CADASTRAL INSCRIÇÃO OU RENOVAÇÃO CADASTRAL 1. DA ENTREGA DA DOCUMENTAÇÃO 1.1. Os interessados em se inscrever e/ou renovar o Registro Cadastral junto ao GRB deverão encaminhar a documentação a seguir estabelecida,

Leia mais

CARTA CONVITE Nº 028/2009 M I N U T A

CARTA CONVITE Nº 028/2009 M I N U T A IMPORTANTE : PARA PARTICIPAR DA LICITAÇÃO O INTERESSADO DEVERÁ RETIRAR O EDITAL SOB PROTOCOLO COM ATÉ 24 HORAS DE ANTECEDÊNCIA DO CERTAME NA SEDE DO CONSELHO SITUADO À RUA PAMPLONA, 1200 JARDIM PAULISTA

Leia mais

Fundação de Apoio à Tecnologia e Ciência FUNDAÇÃO DE APOIO À CIÊNCIA E TECNOLOGIA EDITAL DE PREGÃO ELETRÔNICO N 92092-03/2010

Fundação de Apoio à Tecnologia e Ciência FUNDAÇÃO DE APOIO À CIÊNCIA E TECNOLOGIA EDITAL DE PREGÃO ELETRÔNICO N 92092-03/2010 FUNDAÇÃO DE APOIO À CIÊNCIA E TECNOLOGIA EDITAL DE PREGÃO ELETRÔNICO N 92092-03/2010 A Fundação de Apoio à Ciência e Tecnologia - FATEC, por meio de sua pregoeira, Claudia Pippi Lorenzoni torna público

Leia mais

CARTA CONVITE Nº 002/2010

CARTA CONVITE Nº 002/2010 IMPORTANTE: PARA PARTICIPAR DA LICITAÇÃO O INTERESSADO DEVERÁ RETIRAR O EDITAL SOB PROTOCOLO COM ATÉ 24 HORAS DE ANTECEDENCIA DO CERTAME NA SEDE DO CONSELHO SITUADO À RUA PAMPLONA, 1200 JD PAULISTA CEP:

Leia mais

PREGÃO Processo nº 000217-04.91/15-0

PREGÃO Processo nº 000217-04.91/15-0 PREGÃO PE - 31/2015 - SULGÁS A Companhia de Gás do Estado do Rio Grande do Sul - SULGÁS torna público, através de seu Pregoeiro designado, que realizará licitação por meio da utilização de recursos de

Leia mais

PREGÃO ELETRÔNICO N 12/2007 Sistema de Registro de Preços

PREGÃO ELETRÔNICO N 12/2007 Sistema de Registro de Preços PREGÃO ELETRÔNICO N 12/2007 Sistema de Registro de Preços EDITAL A Justiça Federal de Primeiro Grau em Minas Gerais, por intermédio da Pregoeira designada pela Portaria 10-124-DIREF de 29/06/2006, realizará

Leia mais

CARTA CONVITE Nº 003/2014 TIPO: MENOR PREÇO

CARTA CONVITE Nº 003/2014 TIPO: MENOR PREÇO CARTA CONVITE Nº 003/2014 TIPO: MENOR PREÇO PROCESSO Nº 003/2014 Tipo de Licitação: MENOR PREÇO DATA: 22/08/2014 HORÁRIO: 10h00min LOCAL: Universidade de Brasília Campus Universitário Darcy Ribeiro Edifício

Leia mais

CARTA CONVITE Nº 023/2009

CARTA CONVITE Nº 023/2009 IMPORTANTE: PARA PARTICIPAR DA LICITAÇÃO O INTERESSADO DEVERÁ RETIRAR O EDITAL SOB PROTOCOLO COM ATÉ 24 HORAS DE ANTECEDENCIA DO CERTAME NA SEDE DO CONSELHO SITUADO À RUA PAMPLONA, 1200 JD PAULISTA CEP:

Leia mais

PROCESSADOR COM DESEMPENHO EQUIVALENTE OU SUPERIOR A INTEL CORE I5 3570 3.4GHZ 6MB LGA 1 I5 3570

PROCESSADOR COM DESEMPENHO EQUIVALENTE OU SUPERIOR A INTEL CORE I5 3570 3.4GHZ 6MB LGA 1 I5 3570 1 CARTA CONVITE Nº 001/2013 PROCESSO N.º 001/2013 Regime Jurídico: Lei n.º 8.666/93, Alterações e normas complementares Tipo de Licitação: MENOR PREÇO Modalidade: CARTA CONVITE SESSÃO DE ABERTURA: Local:

Leia mais

EDITAL PREGÃO PRESENCIAL Nº. 05/2012 PROCESSO Nº. 0116/2012

EDITAL PREGÃO PRESENCIAL Nº. 05/2012 PROCESSO Nº. 0116/2012 EDITAL PREGÃO PRESENCIAL Nº. 05/2012 PROCESSO Nº. 0116/2012 1. INTRODUÇÃO: 1.1 O CONSELHO REGIONAL DE ODONTOLOGIA DO RIO GRANDE DO SUL, por intermédio da Pregoeira Angela Ferraz Jaeger, torna público,

Leia mais

EDITAL ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DE ÁGUAS SUBTERRÂNEAS - ABAS CONVITE Nº 006/2008

EDITAL ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DE ÁGUAS SUBTERRÂNEAS - ABAS CONVITE Nº 006/2008 EDITAL ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DE ÁGUAS SUBTERRÂNEAS - ABAS CONVITE Nº 006/2008 Ref.: Convênio n 001/2008: Convênio celebrado entre a Agência Nacional de Águas - ANA e Associação Brasileira de Águas Subterrâneas

Leia mais

EDITAL PROCESSO 4674/2009

EDITAL PROCESSO 4674/2009 EDITAL PROCESSO 4674/2009 A Justiça Federal de Primeiro Grau em Minas Gerais, por intermédio da Pregoeira designada pela Portaria 10/58-DIREF de 24/06/2009 realizará o pregão presencial em epígrafe, regido

Leia mais

O GOVERNADOR DO ESTADO DO AMAZONAS, no exercício da competência que lhe confere o art. 54, inciso IV, da Constituição Estadual, e

O GOVERNADOR DO ESTADO DO AMAZONAS, no exercício da competência que lhe confere o art. 54, inciso IV, da Constituição Estadual, e DECRETO No. 24.818 de 27 JANEIRO DE 2.005 Regulamenta a realização de pregão por meio da utilização de recursos de tecnologia da informação, denominado pregão eletrônico, para a aquisição de bens e serviços

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DE IPIRANGA DO SUL Estado do Rio Grande do Sul Rua do Comércio, 124 IPIRANGA DO SUL RS EDITAL DE LICITAÇÃO

PREFEITURA MUNICIPAL DE IPIRANGA DO SUL Estado do Rio Grande do Sul Rua do Comércio, 124 IPIRANGA DO SUL RS EDITAL DE LICITAÇÃO EDITAL DE LICITAÇÃO Modalidade...: Tomada de Preços Número...: 008/2014 Número da Modalidade: 003/2014 Data de Abertura da Licitação...: 20/02/2014 Data de Abertura das Propostas..: 14/03/2014 Horário...:

Leia mais

Prefeitura Municipal de Antonina do Norte GOVERNO MUNICIPAL CNPJ n 07.594.500/0001-48 EDITAL CONVOCATÓRIO

Prefeitura Municipal de Antonina do Norte GOVERNO MUNICIPAL CNPJ n 07.594.500/0001-48 EDITAL CONVOCATÓRIO EDITAL CONVOCATÓRIO CONVITE Nº 2013.02.18.2 1.0 EDITAL 1.1 Órgão: SECRETARIA MUNICIPAL DE AÇÃO SOCIAL 1.2 Modalidade: CONVITE 1.3 Tipo de Licitação: Menor preço Global 1.4 Torna público para conhecimento

Leia mais

MUNICÍPIO DE SENGÉS CNPJ/MF 76.911.676/0001-07 TRAVESSA SENADOR SOUZA NAVES N. 95 SENGÉS PARANÁ

MUNICÍPIO DE SENGÉS CNPJ/MF 76.911.676/0001-07 TRAVESSA SENADOR SOUZA NAVES N. 95 SENGÉS PARANÁ DECRETO Nº 600/2014 Súmula:- Regulamenta a aquisição de Bens Permanentes, de Consumo e Serviços destinados a Administração Direta, Indireta e Fundacional do Município de Sengés, através de Pregão, tendo

Leia mais

Tomada de Preços n.º 015/2010

Tomada de Preços n.º 015/2010 Tomada de Preços n.º 015/2010 Procedimento Administrativo n.º 0848/2010 Modalidade: Tomada de Preços Tipo: Menor Preço Julgamento: global Regime de execução: empreitada por preço unitário Objeto: Contratação

Leia mais

PROCESSO Nº 574/2014 EDITAL DE TOMADA DE PREÇO Nº7/2014. Do Objeto

PROCESSO Nº 574/2014 EDITAL DE TOMADA DE PREÇO Nº7/2014. Do Objeto PROCESSO Nº 574/2014 EDITAL DE TOMADA DE PREÇO Nº7/2014 O Município de Mariano Moro, RS, torna público, em conformidade com a Lei Federal n.º 8.666/93 e suas alterações, que no dia 30 de setembro as 14

Leia mais

GOVERNO DO ESTADO DA BAHIA Secretaria de Infraestrutura MINUTA EDITAL DE PRÉ-QUALIFICAÇÃO INTERNACIONAL N. 01/2013 PROCESSO N.

GOVERNO DO ESTADO DA BAHIA Secretaria de Infraestrutura MINUTA EDITAL DE PRÉ-QUALIFICAÇÃO INTERNACIONAL N. 01/2013 PROCESSO N. MINUTA INTERNACIONAL N. 01/2013 PROCESSO N.º 0900130000453 A SECRETARIA DE INFRAESTRUTURA DO ESTADO DA BAHIA - SEINFRA, com sede na Avenida Luiz Viana Filho, 4ª Avenida, nº 440, Centro Administrativo da

Leia mais

ESTADO DO RIO GRANDE DO SUL ASSEMBLEIA LEGISLATIVA Gabinete de Consultoria Legislativa

ESTADO DO RIO GRANDE DO SUL ASSEMBLEIA LEGISLATIVA Gabinete de Consultoria Legislativa ESTADO DO RIO GRANDE DO SUL ASSEMBLEIA LEGISLATIVA Gabinete de Consultoria Legislativa LEI Nº 13.179, DE 10 DE JUNHO DE 2009. (publicada no DOE nº 109, de 12 de junho de 2009) Dispõe sobre a Cotação Eletrônica

Leia mais

ESTADO DO RIO GRANDE DO SUL PREFEITURA MUNICIPAL DE SANTANA DA BOA VISTA TERRA DE LUTA E FÉ - DOE ORGÃOS, DOE SANGUE:SALVE VIDAS

ESTADO DO RIO GRANDE DO SUL PREFEITURA MUNICIPAL DE SANTANA DA BOA VISTA TERRA DE LUTA E FÉ - DOE ORGÃOS, DOE SANGUE:SALVE VIDAS EDITAL DE CARTA CONVITE 027/2015 A PREFEITA MUNICIPAL DE SANTANA DA BOA VISTA, torna público, para conhecimento dos interessados, que no dia 20 DE NOVEMBRO DE 2015, às 10 horas, reunirse-á a Comissão Permanente

Leia mais

EDITAL DE LICITAÇÃO PROCESSO LICITATÓRIO N.º 005/2014 CARTA CONVITE Nº 002/2014

EDITAL DE LICITAÇÃO PROCESSO LICITATÓRIO N.º 005/2014 CARTA CONVITE Nº 002/2014 EDITAL DE LICITAÇÃO PROCESSO LICITATÓRIO N.º 005/2014 CARTA CONVITE Nº 002/2014 O CONSELHO REGIONAL DE EDUCAÇÃO FÍSICA DA 7ª REGIÃO CREF7/DF, Autarquia Federal, criada pela Lei nº 9.696/98, torna público

Leia mais

1.1 O recebimento dos envelopes dar-se-á até às 14:00h do dia 09 de março de 2010, pela Comissão Permanente de Licitação, no endereço acima citado.

1.1 O recebimento dos envelopes dar-se-á até às 14:00h do dia 09 de março de 2010, pela Comissão Permanente de Licitação, no endereço acima citado. EDITAL DE CARTA CONVITE N 02/2010 CRM-PR OBJETIVANDO A CONTRATAÇÃO DE SERVIÇOS DE ASSESSORIA PARA O DESENVOLVIMENTO E SUPERVISÃO DE PROJETO DE TELEMEDICINA, VIDEOCONFERÊNCIA E EDUCAÇÃO CONTINUADA PARA

Leia mais

MINISTÉRIO PÚBLICO FEDERAL PROCURADORIA-GERAL DA REPÚBLICA SECRETARIA DE ADMINISTRAÇÃO PREGÃO N 125/2008

MINISTÉRIO PÚBLICO FEDERAL PROCURADORIA-GERAL DA REPÚBLICA SECRETARIA DE ADMINISTRAÇÃO PREGÃO N 125/2008 PROCURADORIA-GERAL DA REPÚBLICA SECRETARIA DE ADMINISTRAÇÃO PREGÃO N 125/2008 DATA DE ABERTURA: 04 de dezembro de 2008 HORÁRIO: 13:00 horas LOCAL DA SESSÃO PÚBLICA: Auditório da CPL/PGR, localizada no

Leia mais

DECRETO Nº. 6.204, DE 5 DE SETEMBRO DE 2007 DOU 06.09.2007

DECRETO Nº. 6.204, DE 5 DE SETEMBRO DE 2007 DOU 06.09.2007 DECRETO Nº. 6.204, DE 5 DE SETEMBRO DE 2007 DOU 06.09.2007 Regulamenta o tratamento favorecido, diferenciado e simplificado para as microempresas e empresas de pequeno porte nas contratações públicas de

Leia mais

EDITAL DE PREGÃO ELETRÔNICO N.º 009/2012 PROCESSO ADMINISTRATIVO N.º 009.003067.12.2

EDITAL DE PREGÃO ELETRÔNICO N.º 009/2012 PROCESSO ADMINISTRATIVO N.º 009.003067.12.2 EDITAL DE PREGÃO ELETRÔNICO N.º 009/2012 PROCESSO ADMINISTRATIVO N.º 009.003067.12.2 O DEPARTAMENTO MUNICIPAL DE PREVIDÊNCIA DOS SERVIDORES PÚBLICOS DO MUNICÍPIO DE PORTO ALEGRE torna público para conhecimento

Leia mais

PREGÃO PRESENCIAL Nº 005/2013 PROCESSO SECOM Nº 0357/2012. Alterações e Normas complementares M I N U T A

PREGÃO PRESENCIAL Nº 005/2013 PROCESSO SECOM Nº 0357/2012. Alterações e Normas complementares M I N U T A IMPORTANTE: PARA PARTICIPAR DA LICITAÇÃO O INTERESSADO DEVERÁ PREENCHER O RECIBO DE RETIRADA DE EDITAL, CONSTANTE DO ANEXO I E DEVOLVER COM ATÉ 24 HS DE ANTECEDENCIA DO CERTAME PREGÃO PRESENCIAL Nº 005/2013

Leia mais

TELECOMUNICAÇÕES BRASILEIRAS S/A TELEBRÁS

TELECOMUNICAÇÕES BRASILEIRAS S/A TELEBRÁS TELECOMUNICAÇÕES BRASILEIRAS S/A TELEBRÁS PROCESSO ADMINISTRATIVO Nº 008/2009 EDITAL DE PREGÃO PRESENCIAL Nº 02/2009 1.1 MODALIDADE: PREGÃO PRESENCIAL 1.1.1.1 TIPO DE LICITAÇÃO: MAIOR DESCONTO OFERTADO

Leia mais

PREFEITURA DE CACHOEIRA DO SUL - RS SECRETARIA MUNICIPAL DE ADMINISTRAÇÃO DEPARTAMENTO DE COMPRAS Rua Moron, 1.013 Fone/Fax (51) 3724-6052

PREFEITURA DE CACHOEIRA DO SUL - RS SECRETARIA MUNICIPAL DE ADMINISTRAÇÃO DEPARTAMENTO DE COMPRAS Rua Moron, 1.013 Fone/Fax (51) 3724-6052 EDITAL DE PREGÃO ELETRÔNICO Nº 136/2015 OBJETO: AQUISIÇÃO ALMOFADA PARA CARIMBO, TINTA PARA CARIMBO, FITA ADESIVA LARGA E COLA EM BASTÃO, A PEDIDO DA SECRETARIA MUNICIPAL DA SAÚDE. IMPORTANTE INÍCIO DE

Leia mais

AcroPDF - A Quality PDF Writer and PDF Converter to create PDF files. To remove the line, buy a license.

AcroPDF - A Quality PDF Writer and PDF Converter to create PDF files. To remove the line, buy a license. DECRETO Nº 5.450, DE 31 DE MAIO DE 2005 Regulamenta o pregão, na forma eletrônica, para aquisição de bens e serviços comuns, e dá outras providências. O PRESIDENTE DA REPÚBLICA, no uso da atribuição que

Leia mais

EDITAL Nº 34 DISPENSA ELETRÔNICA Nº 34/2011 PROCESSO Nº 201159240

EDITAL Nº 34 DISPENSA ELETRÔNICA Nº 34/2011 PROCESSO Nº 201159240 IRH INSTITUTO DE RECURSOS HUMANOS EDITAL Nº 34 DISPENSA ELETRÔNICA Nº 34/2011 PROCESSO Nº 201159240 DADOS GERAIS OBJETO: Aquisição de 01(um) compressor de ar para autoclave. INÍCIO DA SESSÃO DE DISPUTA

Leia mais

Câmara Municipal de Itatiba

Câmara Municipal de Itatiba DOCUMENTOS PARA EFETUAR CADASTRO PARA EMISSÃO DO CERTIFICADO DE REGISTRO CADASTRAL "CRC" INFORMAÇÕES PARA CADASTRO DE FORNECEDORES Razão Social: Endereço: Bairro: Cidade: CEP: CNPJ: Inscrição Estadual:

Leia mais

PREFEITURA DE CACHOEIRA DO SUL - RS SECRETARIA MUNICIPAL DE ADMINISTRAÇÃO DEPARTAMENTO DE COMPRAS Rua Moron, 1.013 Fone/Fax (51) 3724-6052

PREFEITURA DE CACHOEIRA DO SUL - RS SECRETARIA MUNICIPAL DE ADMINISTRAÇÃO DEPARTAMENTO DE COMPRAS Rua Moron, 1.013 Fone/Fax (51) 3724-6052 EDITAL DE PREGÃO ELETRÔNICO Nº 114/2013 OBJETO: AQUISIÇÃO DE AUTOCLAVE DIGITAL, A PEDIDO DA SECRETARIA MUNICIPAL DA SAÚDE. IMPORTANTE INÍCIO DE ACOLHIMENTO DE PROPOSTAS: 14/10/2013 15h00min. LIMITE PARA

Leia mais

CARTA CONVITE Nº 005/2008 M I N U T A

CARTA CONVITE Nº 005/2008 M I N U T A IMPORTANTE : PARA PARTICIPAR DA LICITAÇÃO O INTERESSADO DEVERÁ RETIRAR O EDITAL SOB PROTOCOLO COM ATÉ 24 HORAS DE ANTECEDÊNCIA DO CERTAME NA SEDE DO CONSELHO SITUADO À RUA PAMPLONA, 1200 JD PAULISTA CEP:

Leia mais

GOVERNO DO ESTADO DO CEARÁ SECRETARIA DA EDUCAÇÃO EEEP RITA MATOS LUNA JUCÁS CEARÁ

GOVERNO DO ESTADO DO CEARÁ SECRETARIA DA EDUCAÇÃO EEEP RITA MATOS LUNA JUCÁS CEARÁ Convite N. 004/2015 Natureza da Despesa/ OBJETIVO: Fonte do Recurso Contratação de Serviço de INSTALAÇÃO DE SERVIÇO DE LINK DE INTERNET - 5MB Dotação Orçamentária Data da Emissão 22/06/2015 Data da Licitação

Leia mais

CONSELHO REGIONAL DE BIOLOGIA 3ª REGIÃO RS/SC

CONSELHO REGIONAL DE BIOLOGIA 3ª REGIÃO RS/SC CONSELHO REGIONAL DE BIOLOGIA 3ª REGIÃO CONVITE Nº 05/2013 SERVIÇOS DE ASSESSORIA CONTÁBIL O Conselho Regional de Biologia 3ª Região, através da Comissão Permanente de Licitações, convida V.S.a. a apresentar

Leia mais

EDITAL DE LICITAÇÃO PREGÃO ELETRÔNICO DIE02

EDITAL DE LICITAÇÃO PREGÃO ELETRÔNICO DIE02 EDITAL DE LICITAÇÃO PREGÃO ELETRÔNICO DIE02 (CONVÊNIO MTE/SPPE/CODEFAT No. 003/2007 DIEESE) O DEPARTAMENTO INTERSINDICAL DE ESTATÍSTICA E ESTUDOS SOCIOECONÔMICOS - DIEESE, CNPJ n.º 60.964.996/0001-87,

Leia mais

Fundação de Apoio à Tecnologia e Ciência FUNDAÇÃO DE APOIO À CIÊNCIA E TECNOLOGIA EDITAL DE PREGÃO ELETRÔNICO N 95971-02/2010

Fundação de Apoio à Tecnologia e Ciência FUNDAÇÃO DE APOIO À CIÊNCIA E TECNOLOGIA EDITAL DE PREGÃO ELETRÔNICO N 95971-02/2010 FUNDAÇÃO DE APOIO À CIÊNCIA E TECNOLOGIA EDITAL DE PREGÃO ELETRÔNICO N 95971-02/2010 A Fundação de Apoio à Ciência e Tecnologia -, por meio de sua pregoeira, Claudia Pippi Lorenzoni designado pela Ordem

Leia mais

PREFEITURA DE CACHOEIRA DO SUL - RS SECRETARIA MUNICIPAL DE ADMINISTRAÇÃO DEPARTAMENTO DE COMPRAS Rua Moron, 1.013 Fone/Fax (51) 3724-6052

PREFEITURA DE CACHOEIRA DO SUL - RS SECRETARIA MUNICIPAL DE ADMINISTRAÇÃO DEPARTAMENTO DE COMPRAS Rua Moron, 1.013 Fone/Fax (51) 3724-6052 EDITAL DE PREGÃO ELETRÔNICO Nº 57/2015 OBJETO: AQUISIÇÃO DE CAMISETAS E SACOLAS, A PEDIDO DA SECRETARIA MUNICIPAL DO MEIO AMBIENTE. IMPORTANTE INÍCIO DE ACOLHIMENTO DE PROPOSTAS: 27/05/2015 8h30min. LIMITE

Leia mais

PREFEITURA DE PALMAS SECRETARIA MUNICIPAL EXTRAORDINÁRIA DOS JOGOS INDÍGENAS EDITAL DE CHAMAMENTO PÚBLICO Nº 001/2015/SEJI

PREFEITURA DE PALMAS SECRETARIA MUNICIPAL EXTRAORDINÁRIA DOS JOGOS INDÍGENAS EDITAL DE CHAMAMENTO PÚBLICO Nº 001/2015/SEJI PREFEITURA DE PALMAS SECRETARIA MUNICIPAL EXTRAORDINÁRIA DOS JOGOS INDÍGENAS EDITAL DE CHAMAMENTO PÚBLICO Nº 001/2015/SEJI EDITAL DE CHAMAMENTO PÚBLICO PARA SELEÇÃO DE INTERESSADOS NA OPERAÇÃO E GESTÃO

Leia mais

CARTA CONVITE Nº 003/2013 TIPO: MENOR PREÇO

CARTA CONVITE Nº 003/2013 TIPO: MENOR PREÇO CARTA CONVITE Nº 003/2013 TIPO: MENOR PREÇO PROCESSO Nº 003/2013 Tipo de Licitação: MENOR PREÇO DATA: 19/03/2013 HORÁRIO: 10:00 Horas LOCAL: Universidade de Brasília Campus Universitário Darcy Ribeiro

Leia mais

PREGÃO ELETRÔNICO Nº 004/2012 Processo LIC 2012/000125

PREGÃO ELETRÔNICO Nº 004/2012 Processo LIC 2012/000125 Processo LIC 2012/000125 PREÂMBULO O CONSELHO REGIONAL DE CONTABILIDADE DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO, órgão de fiscalização do exercício profissional, regido pelo Decreto-Lei nº 9.295/1946, alterado pela

Leia mais

www.fundacaoaraucaria.org.br 2

www.fundacaoaraucaria.org.br 2 EDITAL DE LICITAÇÃO CONVITE 02/2013 Serviços de Auditoria 1. DO PREÂMBULO 1.1. A Fundação Araucária de Apoio ao Desenvolvimento Científico e Tecnológico, estabelecida em Curitiba, Av. Comendador Franco,

Leia mais

INFORMAÇÕES AOS FORNECEDORES SEJA NOSSO FORNECEDOR REGULAMENTO PARA EMISSÃO DO CRC COCEL (parte integrante do site www.cocel.com.

INFORMAÇÕES AOS FORNECEDORES SEJA NOSSO FORNECEDOR REGULAMENTO PARA EMISSÃO DO CRC COCEL (parte integrante do site www.cocel.com. 1/7 INFORMAÇÕES AOS FORNECEDORES SEJA NOSSO FORNECEDOR REGULAMENTO PARA EMISSÃO DO CRC COCEL (parte integrante do site www.cocel.com.br) INFORMAÇÕES I. O interessado na inscrição no Cadastro de Fornecedores

Leia mais

CARTA CONVITE Nº 007/2008

CARTA CONVITE Nº 007/2008 IMPORTANTE: PARA PARTICIPAR DA LICITAÇÃO O INTERESSADO DEVERÁ RETIRAR O EDITAL SOB PROTOCOLO E COM ATÉ 24 HS DE ANTECEDÊNCIA DO CERTAME NA SEDE DO CONSELHO SITUADO À RUA PAMPLONA, 1200 - JD. PAULISTA -

Leia mais

EDITAL DE PREGÃO ELETRÔNICO Nº. 172/2013. ERP: 23030 BB: 511590

EDITAL DE PREGÃO ELETRÔNICO Nº. 172/2013. ERP: 23030 BB: 511590 EDITAL DE PREGÃO ELETRÔNICO Nº. 172/2013. ERP: 23030 BB: 511590 OBJETO: AQUISIÇÃO DE MATERIAIS DE LABORATÓRIO PARA A SECRETARIA MUNICIPAL DE SAÚDE, CONFORME ANEXO I DO EDITAL. O MUNÍCIPIO DE CACHOEIRINHA,

Leia mais

Considerando a necessidade de se buscar a redução de custos, em função do aumento da competitividade; e

Considerando a necessidade de se buscar a redução de custos, em função do aumento da competitividade; e Página 1 de 5 PORTARIA Nº 306, DE 13 DE DEZEMBRO DE 2001 MINISTÉRIO DO PLANEJAMENTO, ORÇAMENTO E GESTÃO GABINETE DO MINISTRO O MINISTRO DE ESTADO DO PLANEJAMENTO, ORÇAMENTO E GESTÃO, no uso das atribuições

Leia mais

MINISTÉRIO DE MINAS E ENERGIA CENTRAIS ELÉTRICAS BRASILEIRAS S

MINISTÉRIO DE MINAS E ENERGIA CENTRAIS ELÉTRICAS BRASILEIRAS S 1 MINISTÉRIO DE MINAS E ENERGIA CENTRAIS ELÉTRICAS BRASILEIRAS S.A. - ELETROBRÁS EDITAL DE PREGÃO PRESENCIAL Nº10/2009 2 ÍNDICE 1 OBJETO...3 2 CONDIÇÕES DE PARTICIPAÇÃO...3 3 FORMA DE APRESENTAÇÃO DAS

Leia mais

INTENÇÃO DE CONTRATAÇÃO ISGH / 2014 CONSULTORIA EM SISTEMA INTEGRADO DE GESTÃO EMPRESARIAL

INTENÇÃO DE CONTRATAÇÃO ISGH / 2014 CONSULTORIA EM SISTEMA INTEGRADO DE GESTÃO EMPRESARIAL INTENÇÃO DE CONTRATAÇÃO ISGH / 2014 CONSULTORIA EM SISTEMA INTEGRADO DE GESTÃO EMPRESARIAL O INSTITUTO DE SAÚDE E GESTÃO HOSPITALAR - ISGH, pessoa jurídica de direito privado, associação sem fins lucrativos

Leia mais

REPUBLICA FEDERATIVA DO BRASIL MINISTERIO DOS TRANSPORTES DEPARTAMENTO NACIONAL DE INFRA-ESTRUTURA DE TRANSPORTES PREGÃO ELETRÔNICO EDITAL Nº 398/2006

REPUBLICA FEDERATIVA DO BRASIL MINISTERIO DOS TRANSPORTES DEPARTAMENTO NACIONAL DE INFRA-ESTRUTURA DE TRANSPORTES PREGÃO ELETRÔNICO EDITAL Nº 398/2006 REPUBLICA FEDERATIVA DO BRASIL MINISTERIO DOS TRANSPORTES DEPARTAMENTO NACIONAL DE INFRA-ESTRUTURA DE TRANSPORTES PREGÃO ELETRÔNICO EDITAL Nº 398/2006 PROCESSO : 50600.000884/2006-13 Tipo de Licitação:

Leia mais

Processo nº 0448.1511/15-9 DEVOLVER ESTE PROTOCOLO ASSINADO PROTOCOLO DE ENTREGA PROCESSO DE LICITAÇÃO CONVITE Nº 066A/2015

Processo nº 0448.1511/15-9 DEVOLVER ESTE PROTOCOLO ASSINADO PROTOCOLO DE ENTREGA PROCESSO DE LICITAÇÃO CONVITE Nº 066A/2015 Processo nº 0448.1511/15-9 DEVOLVER ESTE PROTOCOLO ASSINADO PROTOCOLO DE ENTREGA PROCESSO DE LICITAÇÃO CONVITE Nº 066A/2015 DATA DA ABERTURA: 13/11/2015 HORA DA ABERTURA: 09:00 Horas NOME DA EMPRESA: ORIGINAL

Leia mais

CARTA CONVITE Nº 013/2007 PROCESSO N.º 1.612/2007

CARTA CONVITE Nº 013/2007 PROCESSO N.º 1.612/2007 IMPORTANTE: PARA PARTICIPAR DA LICITAÇÃO O INTERESSADO DEVERÁ RETIRAR O EDITAL SOB PROTOCOLO NA SEDE DO CONSELHO SITUADO À RUA PAMPLONA, 1200 JD PAULISTA CEP: 01405-001 - DEPTO DE COMPRAS - 8º ANDAR. Regime

Leia mais

INSTRUÇÕES AOS PROPONENTES CONTRATAÇÃO DE SERVIÇOS DE SEGURANÇA E VIGILÂNCIA ARMADA PARA AS INSTALAÇÕES DO ONS EM BRASÍLIA/DF

INSTRUÇÕES AOS PROPONENTES CONTRATAÇÃO DE SERVIÇOS DE SEGURANÇA E VIGILÂNCIA ARMADA PARA AS INSTALAÇÕES DO ONS EM BRASÍLIA/DF INSTRUÇÕES AOS PROPONENTES CONTRATAÇÃO DE SERVIÇOS DE SEGURANÇA E VIGILÂNCIA ARMADA PARA AS INSTALAÇÕES DO ONS EM BRASÍLIA/DF Ref: Aviso de Edital ADG nº 003/2014 publicado em 28/10/2014. 1 1. OBJETO A

Leia mais

TERMO DE PARTICIPAÇÃO DA COTAÇÃO ELETRÔNICA Nº0195/2014 PREÂMBULO

TERMO DE PARTICIPAÇÃO DA COTAÇÃO ELETRÔNICA Nº0195/2014 PREÂMBULO TERMO DE PARTICIPAÇÃO DA COTAÇÃO ELETRÔNICA Nº0195/2014 PREÂMBULO Termo de Participação, via meio eletrônico, para a seleção da melhor proposta para aquisição por dispensa de licitação, nos termos do Decreto

Leia mais

EDITAL DE PREGÃO ELETRÔNICO Nº 13/2012 OBJETO: AQUISIÇÃO DE MÓVEIS, A PEDIDO DAS SECRETARIAS MUNICIPAIS DE MEIO AMBIENTE, FAZENDA, SAÚDE E OBRAS.

EDITAL DE PREGÃO ELETRÔNICO Nº 13/2012 OBJETO: AQUISIÇÃO DE MÓVEIS, A PEDIDO DAS SECRETARIAS MUNICIPAIS DE MEIO AMBIENTE, FAZENDA, SAÚDE E OBRAS. EDITAL DE PREGÃO ELETRÔNICO Nº 13/2012 OBJETO: AQUISIÇÃO DE MÓVEIS, A PEDIDO DAS SECRETARIAS MUNICIPAIS DE MEIO AMBIENTE, FAZENDA, SAÚDE E OBRAS. IMPORTANTE INÍCIO DE ACOLHIMENTO DE PROPOSTAS: 16/03/2012

Leia mais

MINISTÉRIO DA FAZENDA SUPERINTENDÊNCIA DE SEGUROS PRIVADOS PROCESSO SUSEP 15414.003162/2008-71 PREGÃO ELETRÔNICO Nº 04/2009

MINISTÉRIO DA FAZENDA SUPERINTENDÊNCIA DE SEGUROS PRIVADOS PROCESSO SUSEP 15414.003162/2008-71 PREGÃO ELETRÔNICO Nº 04/2009 A Superintendência de Seguros Privados - SUSEP realizará, às 15 horas do dia 16 de julho de 2009, licitação na modalidade PREGÃO ELETRÔNICO, tipo MENOR PREÇO, conforme autorização da Senhora Chefe do DEAFI,

Leia mais

EDITAL OBJETO: CABO GIGALAN CATEGORIA 6 U/UTP 23AWGX4PARES - VERMELHO EM CAIXA DE 305 METROS, CONFORME ESPECIFICAÇÃO TECNICA Nº 036/2009.

EDITAL OBJETO: CABO GIGALAN CATEGORIA 6 U/UTP 23AWGX4PARES - VERMELHO EM CAIXA DE 305 METROS, CONFORME ESPECIFICAÇÃO TECNICA Nº 036/2009. EDITAL A SÃO PAULO TRANSPORTE S.A. SPTrans, inscrita no CNPJ-MF sob o n.º 60.498.417/0001-58, comunica que se encontra aberta a licitação, EXCLUSIVAMENTE para participação de microempresas e empresas de

Leia mais

TERMO DE PARTICIPAÇÃO COTAÇÃO ELETRÔNICA Nº 005/2014 DECRETO Nº28.397, DE 21 DE SETEMBRO DE 2006 PREÂMBULO

TERMO DE PARTICIPAÇÃO COTAÇÃO ELETRÔNICA Nº 005/2014 DECRETO Nº28.397, DE 21 DE SETEMBRO DE 2006 PREÂMBULO TERMO DE PARTICIPAÇÃO COTAÇÃO ELETRÔNICA Nº 005/2014 DECRETO Nº28.397, DE 21 DE SETEMBRO DE 2006 PREÂMBULO Termo de Participação, via meio eletrônico, para a seleção da melhor proposta para aquisição por

Leia mais

INTENÇÃO DE CONTRATAÇÃO ISGH / 2014 FORNECIMENTO DE LINK DE INTERNET

INTENÇÃO DE CONTRATAÇÃO ISGH / 2014 FORNECIMENTO DE LINK DE INTERNET INTENÇÃO DE CONTRATAÇÃO ISGH / 2014 FORNECIMENTO DE LINK DE INTERNET O INSTITUTO DE SAÚDE E GESTÃO HOSPITALAR - ISGH, pessoa jurídica de direito privado, associação sem fins lucrativos de interesse público,

Leia mais

EDITAL DE LICITAÇÃO PREGÃO ELETRÔNICO CEERT01/2012

EDITAL DE LICITAÇÃO PREGÃO ELETRÔNICO CEERT01/2012 EDITAL DE LICITAÇÃO PREGÃO ELETRÔNICO CEERT01/2012 O CENTRO DE ESTUDOS DAS RELAÇÕES DE TRABALHO E DESIGUALDADES CEERT, CNPJ n.º 64.161.086/0001-17, através de seu Pregoeiro designado Terceiro Pregão, torna

Leia mais

FUNDO DE PREVIDÊNCIA DOS SERVIDORES MUNICIPAIS DE TURVO - PR. Tomada de Preço N.º 001/2014.

FUNDO DE PREVIDÊNCIA DOS SERVIDORES MUNICIPAIS DE TURVO - PR. Tomada de Preço N.º 001/2014. FUNDO DE PREVIDÊNCIA DOS SERVIDORES MUNICIPAIS DE TURVO - PR. Tomada de Preço N.º 001/2014. Emissão: 09/12/2014. Abertura: 29/12/2014. Horário: 10:00 H. O Fundo de Previdência dos Servidores Municipais

Leia mais

TERMO DE PARTICIPAÇÃO DO EDITAL 20114150

TERMO DE PARTICIPAÇÃO DO EDITAL 20114150 TERMO DE PARTICIPAÇÃO DO EDITAL 20114150 PREÂMBULO Termo de Participação, via meio eletrônico, para a seleção da melhor proposta para aquisição por dispensa de licitação, nos termos do Decreto Estadual

Leia mais

ESCLARECIMENTOS. Em virtude do exposto, segue o Anexo A, com os itens mencionados, que para todos os efeitos ficam incorporados ao edital publicado.

ESCLARECIMENTOS. Em virtude do exposto, segue o Anexo A, com os itens mencionados, que para todos os efeitos ficam incorporados ao edital publicado. ESCLARECIMENTOS Em curso nesta Autarquia a licitação nº 0453/13, Processo nº 0363/13, que almeja a contratação de pessoa jurídica para prestação de serviços de medicina e segurança do trabalho. Foi recebido

Leia mais

SOLICITAÇÃO DE COTAÇÃO IICA/NEAD Nº 005/2008 Data: 29/02/2008. EMPRESA CONVIDADA: Telefone: Fax: Endereço: Cidade: Estado:

SOLICITAÇÃO DE COTAÇÃO IICA/NEAD Nº 005/2008 Data: 29/02/2008. EMPRESA CONVIDADA: Telefone: Fax: Endereço: Cidade: Estado: SOLICITAÇÃO DE COTAÇÃO IICA/NEAD Nº 005/2008 Data: 29/02/2008 EMPRESA CONVIDADA: Telefone: Fax: Endereço: Cidade: Estado: Prezado (a) Senhor (a), O Projeto de Cooperação para Apoio às Políticas e à Participação

Leia mais

INTENÇÃO DE CONTRATAÇÃO ISGH / 2014 SERVIÇO DE GESTÃO DE DOCUMENTOS

INTENÇÃO DE CONTRATAÇÃO ISGH / 2014 SERVIÇO DE GESTÃO DE DOCUMENTOS INTENÇÃO DE CONTRATAÇÃO ISGH / 2014 SERVIÇO DE GESTÃO DE DOCUMENTOS O INSTITUTO DE SAÚDE E GESTÃO HOSPITALAR - ISGH, pessoa jurídica de direito privado, associação sem fins lucrativos de interesse público,

Leia mais

AVISO DE LICITAÇÃO DATASUL

AVISO DE LICITAÇÃO DATASUL AVISO DE LICITAÇÃO DATASUL Pregão Eletrônico nº 16111/2008 Processo n 6111/2008 OBJETO: 76J-00323 - Office Enterprise 2007 Sngl OLP INÍCIO DE RECEBIMENTO DE PROPOSTAS: 02/05/2008 às 11 horas. LIMITE PARA

Leia mais

Prefeitura Municipal de Caçapava do Sul Rua Benjamin Constant, 686 CEP 96.570-000 CNPJ 88.142.302/0001-45 Fone 55 3281 2463

Prefeitura Municipal de Caçapava do Sul Rua Benjamin Constant, 686 CEP 96.570-000 CNPJ 88.142.302/0001-45 Fone 55 3281 2463 EDITAL Nº 1981/2011 PREGÃO ELETRÔNICO Nº 151/2011 OBJETO: AQUISIÇÃO DE MATERIAIS ASFÁLTICOS (ASFALTO DILÚIDO DE PETRÓLEO CM30 E ARE 75) INÍCIO DE RECEBIMENTO DE PROPOSTAS: Dia 13/06/2011 08:00 horas LIMITE

Leia mais

Município de Xangri-Lá Fone: (51) 3689-2400 www.xangrila.rs.gov.br

Município de Xangri-Lá Fone: (51) 3689-2400 www.xangrila.rs.gov.br EDITAL Nº 62/2012 PREGÃO ELETRÔNICO 34/2012 PROCESSO DE DESPESA: 2318/2012 (SEC. DE EDUCAÇÃO) PROCESSO DE LICITAÇÃO 2318/2012 PROCESSO DE COMPRA 45-12 ABERTURA: 29/03/2012 HORÁRIO: 15 horas O Prefeito

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DE MATO RICO ESTADO DO PARANÁ CNPJ - 95.684.510/0001-31 COMISSÃO MUNICIPAL DE LICITAÇÃO

PREFEITURA MUNICIPAL DE MATO RICO ESTADO DO PARANÁ CNPJ - 95.684.510/0001-31 COMISSÃO MUNICIPAL DE LICITAÇÃO DOCUMENTAÇÃO NECESSÁRIA PARA REGISTRO CADASTRAL (Conf. Lei nº 8.666, de 21 de junho de 1993) I - Para a habilitação jurídica: a) Cédula de identidade e registro comercial na repartição competente, para

Leia mais

Processo 00003/2014 Chamada Pública 0001/2014

Processo 00003/2014 Chamada Pública 0001/2014 Página 1 de 7 EDITAL DE CHAMADA PÚBLICA Boa Vista Energia S/A, leva ao conhecimento dos interessados - com base no Decreto nº 7246/2010 e Portarias MME nº 396 de 05/11/2013 e nº 06 de 06/01/2014, que esta

Leia mais

EDITAL DE LICITAÇÃO - MODALIDADE CONVITE

EDITAL DE LICITAÇÃO - MODALIDADE CONVITE EDITAL DE LICITAÇÃO - MODALIDADE CONVITE PROCESSO nº 001/2014 CARTA CONVITE nº 001/2014 TIPO MENOR PREÇO POR ITEM A Presidenta da ASSOCIAÇÃO CASA DA MULHER CATARINA - CMC, mantenedora do Projeto: JORNALISTAS

Leia mais

CONSELHO REGIONAL DE BIOMEDICINA 1ª REGIÃO

CONSELHO REGIONAL DE BIOMEDICINA 1ª REGIÃO 1 CARTA CONVITE n.º 001/2011 São Paulo, 20 de outubro de 2011. O CONSELHO REGIONAL DE BIOMEDICINA - 1ª REGIÃO, nos termos da autorização constante no Processo Administrativo em epígrafe, vem, por intermédio

Leia mais

1 DO OBJETO Aquisição de licença de software de informática para atender as necessidades desta Autarquia, conforme discriminação abaixo:

1 DO OBJETO Aquisição de licença de software de informática para atender as necessidades desta Autarquia, conforme discriminação abaixo: A Superintendência de Seguros Privados SUSEP, no Estado do Rio de Janeiro, mediante Pregoeiro designado pela Portaria SUSEP n 2.527, de 11 de outubro de 2006, torna público que realizará às 14 (catorze)

Leia mais

Tomada de Preços n.º 006/2009

Tomada de Preços n.º 006/2009 Tomada de Preços n.º 006/2009 Procedimento Administrativo n.º 0802/2008 Modalidade: Tomada de Preços Tipo: Menor Preço Julgamento: por item Regime de execução: empreitada por preço global Objeto: Aquisição

Leia mais

CONDIÇÕES GERAIS PARA REGISTRO CADASTRAL DE FORNECEDORES. 1.2. Aprovado o pedido será concedido o CERTIFICADO DE REGISTRO CADASTRAL- Anexo A-4.

CONDIÇÕES GERAIS PARA REGISTRO CADASTRAL DE FORNECEDORES. 1.2. Aprovado o pedido será concedido o CERTIFICADO DE REGISTRO CADASTRAL- Anexo A-4. 1/9 CONDIÇÕES GERAIS PARA REGISTRO CADASTRAL DE FORNECEDORES A inscrição no Cadastro de Fornecedores da CET é regulada pelas presentes Condições Gerais, nos termos da Seção III - DOS REGISTROS CADASTRAIS

Leia mais

CONSELHO FEDERAL DE NUTRICIONISTAS CONSELHO REGIONAL DE NUTRICIONISTAS - 3ª Região (SP, MS)

CONSELHO FEDERAL DE NUTRICIONISTAS CONSELHO REGIONAL DE NUTRICIONISTAS - 3ª Região (SP, MS) TOMADA DE PREÇOS N.º: 2/213 PROCESSO N.º: 11-4/213 TIPO: MENOR PREÇO EDITAL O CONSELHO REGIONAL DE NUTRICIONISTAS 3ª. REGIÃO, por intermédio da COMISSÃO PERMANENTE DE LICITAÇÃO, torna pública a realização

Leia mais

Decreto nº 8.538, de 6 de outubro de 2015 Decreto nº 6.204, de 5 de setembro de 2007

Decreto nº 8.538, de 6 de outubro de 2015 Decreto nº 6.204, de 5 de setembro de 2007 DECRETO 8.538/2015 COMPARATIVO COM DECRETO 6.204/2007 Outubro/2015 Importante: Pontos acrescidos estão destacados em verde. Pontos suprimidos estão destacados em vermelho. Decreto nº 8.538, de 6 de outubro

Leia mais

TRIBUNAL REGIONAL DO TRABALHO DA 6ª REGIÃO. PREGÃO ELETRÔNICO nº 072/14

TRIBUNAL REGIONAL DO TRABALHO DA 6ª REGIÃO. PREGÃO ELETRÔNICO nº 072/14 . TRIBUNAL REGIONAL DO TRABALHO DA 6ª REGIÃO EXCLUSIVO PARA MICROEMPRESAS E EMPRESAS DE PEQUENO PORTE Lei Complementar n º 123/2006, alterada pela Lei Complementar nº 147/2014 PREGÃO ELETRÔNICO nº 072/14

Leia mais

ANEXO ÚNICO DO DECRETO Nº28.397, DE 21 DE SETEMBRO DE 2006 PREÂMBULO

ANEXO ÚNICO DO DECRETO Nº28.397, DE 21 DE SETEMBRO DE 2006 PREÂMBULO ANEXO ÚNICO DO DECRETO Nº28.397, DE 21 DE SETEMBRO DE 2006 TERMO DE PARTICIPAÇÃO Nº 2014-003 PREÂMBULO 1.Termo de Participação, via meio eletrônico, para a seleção da melhor proposta para aquisição por

Leia mais

FUNDO MUNICIPAL DE SAÚDE

FUNDO MUNICIPAL DE SAÚDE LICITAÇÃO PARA AQUISIÇÃO DE PNEUS DESTINADOS AOS VEÍCULOS DA SECRETARIA MUNICIPAL SAÚDE PARA O EXERCÍCIO DE DE 2014 2014 O FUNDO MUNICIPAL DE SAÚDE/MUNICIPIO DE DOMINGOS MARTINS, com sede na Rua Bernardino

Leia mais

CONVITE Nº 050A/2015

CONVITE Nº 050A/2015 Processo nº 0308.1511/15-3 DEVOLVER ESTE PROTOCOLO ASSINADO PROTOCOLO DE ENTREGA PROCESSO DE LICITAÇÃO CONVITE Nº 050A/2015 DATA DA ABERTURA: 19/08/2015 HORA DA ABERTURA: 09:00 Horas NOME DA EMPRESA: ORIGINAL

Leia mais

EDITAL DE PREGÃO N.º 069/2015

EDITAL DE PREGÃO N.º 069/2015 EDITAL DE PREGÃO N.º 069/2015 JOÃO PEDRO TILL, Diretor Presidente da Autarquia Municipal de Turismo GRAMADOTUR, no uso legal de suas atribuições, e de conformidade com a Lei n.º 8.666 de 21.06.93 e demais

Leia mais

Câmara Municipal De Natividade Da Serra

Câmara Municipal De Natividade Da Serra DOCUMENTOS NECESSÁRIOS PARA A INCRIÇÃO NO REGISTRO CADASTRAL (Em conformidade com os artigos 28 a 31 da Lei Federal Nº 8.666/93 e demais alterações posteriores): PESSOA JURÍDICA 1 - Documentação Relativa

Leia mais

EDITAL N.º CONVITE N.º PROCESSO N.º 011/2011-CPL 009/2011 011/2011. PRAZO MÁXIMO PARA ENTREGA DOS ENVELOPES Até 17 de Outubro de 2011 Às 14:00 horas

EDITAL N.º CONVITE N.º PROCESSO N.º 011/2011-CPL 009/2011 011/2011. PRAZO MÁXIMO PARA ENTREGA DOS ENVELOPES Até 17 de Outubro de 2011 Às 14:00 horas EDITAL N.º CONVITE N.º PROCESSO N.º 011/2011-CPL 009/2011 011/2011 PRAZO MÁXIMO PARA ENTREGA DOS ENVELOPES Até 17 de Outubro de 2011 Às 14:00 horas ABERTURA DOS ENVELOPES DOCUMENTAÇÃO Dia 17 de Outubro

Leia mais

TERMO DE PARTICIPAÇÃO Nº 20150007

TERMO DE PARTICIPAÇÃO Nº 20150007 TERMO DE PARTICIPAÇÃO Nº 20150007 PREÂMBULO Termo de Participação, via meio eletrônico, para a seleção da melhor proposta para aquisição por dispensa de licitação, nos termos do Decreto Estadual nº 28.397,

Leia mais

CONTROLADORIA-GERAL DA UNIÃO DIRETORIA DE GESTÃO INTERNA

CONTROLADORIA-GERAL DA UNIÃO DIRETORIA DE GESTÃO INTERNA CONTROLADORIA-GERAL DA UNIÃO DIRETORIA DE GESTÃO INTERNA EDITAL DE PREGÃO ELETRÔNICO Nº 40/2012 PROCESSO Nº 00190.024252/2012-86 A Diretoria de Gestão Interna da Controladoria-Geral da União da Presidência

Leia mais

CONVITE Nº 060E/2015

CONVITE Nº 060E/2015 Processo nº 0405.1511/15-3 DEVOLVER ESTE PROTOCOLO ASSINADO PROTOCOLO DE ENTREGA PROCESSO DE LICITAÇÃO CONVITE Nº 060E/2015 DATA DA ABERTURA: 16/10/2015 HORA DA ABERTURA: 10:00 Horas NOME DA EMPRESA: ORIGINAL

Leia mais

EDITAL DE PREGÃO PRESENCIAL Nº 14/2014

EDITAL DE PREGÃO PRESENCIAL Nº 14/2014 EDITAL DE PREGÃO PRESENCIAL Nº 14/2014 O Município de Vitória das Missões - RS torna público pelo presente Edital de PREGÃO PRESENCIAL, que às 10h, do dia 27 de MAIO de 2014, na Prefeitura Municipal de

Leia mais

COMISSÃO ESPECIAL DE LICITAÇÃO (Portaria nº 002/2013) Edital de Licitação Pública Lei nº 8.666/93

COMISSÃO ESPECIAL DE LICITAÇÃO (Portaria nº 002/2013) Edital de Licitação Pública Lei nº 8.666/93 COMISSÃO ESPECIAL DE LICITAÇÃO (Portaria nº 002/2013) Edital de Licitação Pública Lei nº 8.666/93 Processo: N.º 001/2013 Carta Convite: N.º001/2013 A Câmara Municipal e Uruaçu, Estado e Goiás, em Cumprimento

Leia mais

FACULDADE DE DIREITO DE SÃO BERNARDO DO CAMPO

FACULDADE DE DIREITO DE SÃO BERNARDO DO CAMPO CONVITE N.º 21/2012 PROCESSO DE COMPRA N.º 146/2012 CONTRATAÇÃO DE EMPRESA ESPECIALIZADA PARA REMANEJAMENTO DO SISTEMA DE TELEFONIA (PABX) DE PROPRIEDADE DA FACULDADE DE DIREITO DE SÃO BERNARDO DO CAMPO

Leia mais

QUANT UND PREÇO/LT 01 ÓLEO DIESEL 3.726,50 LT

QUANT UND PREÇO/LT 01 ÓLEO DIESEL 3.726,50 LT MODALIDADE: CARTA CONVITE Nº 003/2009 EXPEDIDA EM: 27/01/2009 TIPO DE LICITAÇÃO: MENOR PREÇO POR ITEM REPARTIÇÃO INTERESSADA: SECRETARIA MUNICIPAL DE INFRA- ESTRUTURA E LOGÍSTICA FUNDAMENTO LEGAL: REGIDA

Leia mais

CONTAGEM DO PRAZO LEGAL

CONTAGEM DO PRAZO LEGAL Curso de Licitação. Pregão Presencial e Pregão Eletrônico Professor: Antônio Noronha Os 3 Caminhos Possíveis para Aquisição/ Serviços, etc... Licitação; Dispensa de Licitação; Inexigibilidade de Licitação.

Leia mais

FUNDO MUNICIPAL DE SAÚDE

FUNDO MUNICIPAL DE SAÚDE 2926- CNPJ: 13.959.466/1-6 Tel: 2732683178 Fax: 273268376 Site: Pregão Presencial Nº 6/214 LICITAÇÃO PARA AQUISIÇÃO DE MEDICAMENTOS PARA ATENDER A SECRETARIA MUNICIPAL DE SAÚDE POR UM PERÍODO DE DE (6)

Leia mais