PROPOSTA DE UM PLANO DE MARKETING PARA A LANCHERIA BIG LANCHES HORIZONTINA RS

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "PROPOSTA DE UM PLANO DE MARKETING PARA A LANCHERIA BIG LANCHES HORIZONTINA RS"

Transcrição

1 UNIVERSIDADE REGIONAL DO NOROESTE DO ESTADO DO RIO GRANDE DO SUL UNIJUÍ DEPARTAMENTO DE CIÊNCIAS ADMINISTRATIVAS, CONTÁBEIS, ECONÔMICAS E DA COMUNICAÇÃO DACEC CURSO DE ADMINISTRAÇÃO GILBERTO DE MOURA FERANDES PROPOSTA DE UM PLANO DE MARKETING PARA A LANCHERIA BIG LANCHES HORIZONTINA RS Documento Sistematizador do TCC Orientador: Prof. Ariosto Sparenberger Santa Rosa, 2012

2 2 GILBERTO DE MOURA FERANDES PROPOSTA DE UM PLANO DE MARKETING PARA A LANCHERIA BIG LANCHES HORIZONTINA RS Orientador: Prof Ariosto Sparenberger Santa Rosa, 2012

3 3 Dedico este trabalho aos meus pais, a proprietária e colaboradores da empresa estudada, aos meus irmãos, meu sobrinhos, cunhados e amigos, pois são eles que me dão forças todos os dias para continuar.

4 4 AGRADECIMENTOS Meus agradecimentos: A Deus primeiramente. A minha família, meus pais, meus irmãos, por estarem sempre ao meu lado, me motivando e incentivando nesta caminhada. A proprietária e colaboradores da lancheria Big Lanches pela atenção, disponibilidade e presteza ao longo da execução do estágio. Aos professores Ariosto e Luciano Zamberlan pela paciência, dedicação e sabedoria no transcorrer deste estágio e no curso de Administração como um todo. Agradeço também aos meus colegas e amigos pela força e paciência na minha ausência. E a todos que compartilharam nesta jornada, enfim, Obrigado.

5 5 SUMÁRIO AGRADECIMENTOS... 4 LISTA DE FIGURAS... 7 LISTA DE GRÁFICOS... 8 LISTA DE QUADROS... 9 RESUMO INTRODUÇÃO CONTEXTUALIZAÇÃO DO ESTUDO APRESENTAÇÃO DO TEMA QUESTÃO EM ESTUDO OBJETIVO GERAL Objetivos Específicos JUSTIFICATIVA REFERENCIAL TEÓRICO MARKETING PLANEJAMENTO DE MARKETING Visão Missão Negócio Objetivos DIAGNÓSTICO DO AMBIENTE Concorrência MARKETING ESTRATÉGICO Mercado Segmentação Posicionamento DESENVOLVIMENTO DO COMPOSTO DE MARKETING Produto Preço Ponto de Venda Promoção Propaganda AÇÃO E CONTROLE DE PLANO Tabela Plano de Ação PROCEDIMENTOS METODOLÓGICOS CLASSIFICAÇÃO DE ESTUDO... 39

6 3.2 UNIVERSO AMOSTRAL COLETA DE DADOS ANÁLISE E INTERPRETAÇÃO DO ESTUDO APRESENTAÇÃO E ANÁLISE DOS RESULTADOS CARACTERIZAÇÃO DA ORGANIZAÇÃO PLANO DE MARKETING Visão Missão Negócio da empresa Objetivo e metas DIAGNÓSTICO DO AMBIENTE Concorrência Oportunidade e ameaças Pontos Fortes e Pontos Fracos MARKETING ESTRATÉGICO Consumidor Mercado Segmentação Posicionamento DESENVOLVIMENTO DO COMPOSTO DE MARKETING Produto Preço Ponto de venda Promoção Propaganda Publicidade PLANO DE AÇÕES E SUGESTÕES CONCLUSÃO REFERÊNCIAS BIBLIOGRÁFICAS APÊNDICE APÊNDICE ANEXO ANEXO ANEXO ANEXO ANEXO ANEXO ANEXO ANEXO

7 7 LISTA DE FIGURAS Figura 1 Divisões do Composto de Marketing Figura 2 Xis produzido pela empresa Figura 3 Pastel comercializado pela lancheria Figura 4 - Produto comercializado pela empresa Figura 5 Produto comercializado pela empresa Figura 6 Produto comercializado pela empresa Figura 7 Produto comercializado pela empresa... 76

8 8 LISTA DE GRÁFICOS Gráfico 1 Sexo dos clientes Gráfico 2 Idade dos clientes Gráfico 3 Escolaridade dos clientes Gráfico 4 Estado civil dos clientes Gráfico 5 Atenção dos colaboradores Gráfico 6 Motivo da escolha pela Lancheria Big Lanches Gráfico 7 Os lanches mais consumidos pelos clientes Gráfico 8 Bebidas mais consumidas pelos clientes Gráfico 9 Os clientes consomem produto natural Gráfico 10 Produto natural de preferência dos clientes Gráfico 11 Ao consumir algum produto o preço faz a diferença Gráfico 12 Serviço de som chama a atenção dos clientes Gráfico 13 Horário dos clientes escutarem rádio Gráfico 14 Emissora de rádio preferida dos clientes... 88

9 9 LISTA DE QUADROS Quadro 1 - Plano de ações para Produtos/serviços Quadro 2 Análise do ambiente da Lancheria Big Lanches Quadro 3 Análise do ambiente interno da Lancheria Big Lanches: Quadro 4 Segmentação por variáveis demográficas:... 64

10 10 RESUMO O presente estudo tem por objetivo a elaboração de um plano de marketing, junto a Lancheria Big Lanches, através da necessidades da empresas que mudam constantemente, onde suas atividades necessitam serem adaptadas a nova realidade, em função de atrair e conquistar clientes e consumidorese. A empresa atua no ramo gastronômico, oferecendo produtos alimentícios e lanches, atendendo as exigências de seus clientes com qualidade diferenciada. O plano de marketing é baseado nas atividades vivenciada pela empresa. O ponto de partida é a coleta de dados através da pesquisa que classifica-se em exploratória, descritiva e explicatva por meio de estudo de caso. Para isso, realizou-se uma entrevista com a proprietária da organização e aplicou-se um questionário aos clientes. As informações serviram para a elaboração e sugestões de melhorias no decorrer do trabalho. A aplicação do plano de marketing requer a análise do ambiente da empresa identificando suas oportunidade e ameaças, seus pontos fortes e fracos e com definição do seu negócio como visão, missão e objetivos e metas e colocá-los em prática, levando em consideração o mercado alvo, a segmentação e o posicionamento, com desenvolvimento do composto de marketing para empresa em relação a sua atuação no mercado. Também foi elaborado o Plano de Ação e sugestão com orçamento sendo detalhado do que deve ser feito. Através das informações levantadas, elaborou-se este plano de marketing, com o objetivo de melhorar suas atividades, atingir um mercado mais amplo e principalmente satisfazer as necessidades dos seus clientes e consumidores. Palavra-chave: Proposta de um plano de marketing.

11 INTRODUÇÃO As empresas se apresentam como importantes agentes socializadores e é através da socialização que se processam os valores de uma organização, suas normas e comportamentos. Com o aumento da concorrência as empresas sentem a necessidade de planejar suas ações e se adaptarem rapidamente às modificações do mercado, tornando-se cada vez mais competitivas garantindo sua permanência no mesmo. É através da busca de novos conhecimentos que tornam qualificados e adequados a exercerem uma função administrativa, seja ela individual, familiar, social ou organizacional. Para sua sobrevivência e competição, vem sofrendo com as constantes mudanças do mercado consumidor, para enfrentar os desafios o administrador tem a tomada de decisões, estabelecendo suas estratégias e planos em uma visão ampla do negócio. Este trabalho, foi realizado na Lancheria Big Lanches, localizada na cidade de Horizontina - RS, onde foi desenvolvida a elaboração de um Plano de Marketing, baseado nas estratégias de melhorias, propondo ao ambiente a eficiência das atividades realizadas e a satisfação das necessidades do seus clientes. A primeira etapa do documento sistematizador está dividida na contextualização de estudo, a apresentação e delimitação do tema, fazem parte deste tópico, ainda o objetivo geral e os objetivos específicos e a justificativa. A segunda etapa apresenta o resgate de Referenciais teóricos importantes para a compreensão da pesquisa. A terceira parte define os procedimentos metodológicos, que compreende a classificação de estudos, o plano para a coleta, análise e interpretação dos dados, dos resultados realizados durante o estudo. Na próxima etapa foi desenvolvida a apresentação e análise dos resultados. Também buscou-se um aprofundado estudo da caracterização da organização. No decorrer do estudo são apresentados os

12 12 dados obtidos nas pesquisas e tabulados de acordo com a relação do assunto. Grande parte dos dados foram coletados com entrevistas e pesquisas, com a proprietária e com os clientes da Lancheria Big Lanches. Como passo seguinte foi desenvolvido o plano de marketing buscando identificar as oportunidades e ameaças, as forças e fraquezas. Em seguida, desenvolver as estratégias e o desenvolvimento do composto de marketing, desenvolvendo um plano de ações e sugestões para a Lancheria Big Lanches. E por último consta a Conclusão, onde se pode afirmar que o plano de marketing oferece informações para que a empresa possa repensar em algumas ações.

13 1 CONTEXTUALIZAÇÃO DO ESTUDO O primeiro tópico apresenta a contextualização do estudo, contendo a caracterização da organização, apresentação do tema, formulação do problema, a definição dos objetivos do estudo e a justificativa dos mesmos, demonstrando as razões da elaboração do presente trabalho. 1.1 APRESENTAÇÃO DO TEMA O mercado atual desafia as empresas a serem criativas e inovadoras, podendo assim buscar o diferencial, que dará subsídios para tornarem-se melhores que os concorrentes, fazendo com que invistam cada vez mais no setor de Marketing, em especial na área comercial, que desempenha as atividades empresariais e dirige o fluxo de mercadorias e serviços do produto até o consumidor final. Segundo Kotler e Armstrong (1998), planejamento estratégico é o processo de desenvolvimento e manutenção de uma referência estratégica entre os objetivos e capacidades da empresa e as mudanças de suas oportunidades no mercado. O planejamento estratégico é a base do planejamento de uma empresa, dependendo do desenvolvimento de uma missão, da definição dos objetivos, de um bom negócio e da coordenação de estratégias funcionais para oportunidades específicas de mercado. Entre as atividades utilizadas para divulgar os produtos e a empresa, bem como despertar, incentivar e influenciar o consumidor a adquirir e consumir cada vez

14 14 mais os produtos comercializados, o Planejamento Marketing define as estratégias requeridas para demanda do produto, as informações e qualidade sobre os produtos e as oportunidade de consumo e demanda. A divulgação e a eficiência na comercialização dos produtos são fundamentais na busca do público alvo, através dos meios de comunicação com o propósito de informar, modificar e persuadir as pessoas a comprar e consumir os produtos e serviços da empresa, que são adquiridos para satisfazer a um desejo ou uma necessidade do consumidor. Para Las Casas (1999, p. 13), planejamento estratégico é o processo gerencial de desenvolver e manter uma direção estratégica que alinhe as metas e os recursos da organização com suas mutantes oportunidades de mercado. Para o Planejamento é necessário analisar as condições para determinar as formas de atingir os objetivos desejados. Para isso, o administrador da empresa necessita ter uma visão ampla, completa da situação atual e das perspectivas futuras, essa visão auxilia na definição dos objetivos a serem alcançados, nos meios para que os mesmos sejam atingidos e na tomada de decisões presentes que afetam o futuro, visando reduzir as incertezas. Para Cobra (1992), o plano de marketing é uma ferramenta de comunicação que integra todos os elementos do composto mercadológico: produto, marca, embalagem, preço, assistência ao cliente, vendas, propaganda, promoção de venda, merchandising e relações públicas. Tudo isso em um simples programa compreensivo para uma ação coordenada em todos os níveis de mercado. O plano deve ser especificado por produto, mercado e região, quem fará o quê, quando e como, com finalidade de atingir as metas da empresa de maneira eficaz. Segundo estudos feitos por Stevens (2001), o Marketing direciona as atividades que envolvem a criação e distribuição de produtos em segmentos de mercado identificados. Definem este conceito como o mais completo já desenvolvido no decorrer dos anos. Dentro do Estudo de Marketing é possível fazer valer várias condições que a empresa dispõe para alavancar recursos para manter e atrair clientes. Segundo Las Casas (1999), o Plano de Marketing estabelece objetivos, metas e estratégias do composto de marketing em sintonia com o plano estratégico geral

15 15 da empresa. O plano de marketing é um instrumento de trabalho da empresa, ou seja, uma materialização da atividade de planejamento. Portanto o Plano de Marketing possui o objetivo de delinear as formas para que os objetivos desejados sejam alcançados, sendo um processo gerencial de desenvolvimento que busca a satisfação das necessidades dos consumidores e a sobrevivência da organização. Geralmente, o plano é elaborado pela alta direção da empresa, que é estimulada a pensar nos benefícios, objetivos e nas estratégias a serem adotadas, levando em consideração as mudanças e oportunidade do mercado. Para isso, este trabalho apresenta um Plano de Marketing, com o objetivo de caracterizar a empresa e depois propor e sugerir algumas melhorias, no sentido de atrair e conquistar novos clientes e consumidores para a Lancheria Big Lanches. 1.2 QUESTÃO EM ESTUDO Para enfrentar a concorrência entre os restaurantes e lancherias, os gestores devem rever sua maneira de como demonstrar e oferecer aos seus clientes seus produtos e mercadorias com qualidade e satisfação, aceitar as novas mudanças que o mercado impõe e, especialmente, buscar o aprimoramento constante para si próprio e seus colaboradores. Torna-se imprescindível que o setor gastronômico, tenha seu plano marketing orientado para o mercado atual. A função do planejamento estratégico é ajudar a empresa a selecionar e organizar seus negócios, de modo a manter-se cada vez mais eficiente e com bom relacionamento aos seus clientes. Planejamento é uma ordenação das ações a serem desenvolvidas por determinada organização no decorrer do tempo e dos recursos necessários para realizar estas ações. Planejamento estratégico é a ordenação da estratégia no tempo (ROCHA e CHRISTENSEN, 1999). Planejamento estratégico é o processo gerencial de desenvolver e menter um ajuste viável entre objetivos, habilidade e recursos de uma organização

16 16 e as oprtunidades de um mercado de contínua mudança. O objetivo do planejamento estratégico é dar forma aos negócios e produtos de uma empresa, de modo que eles possibilitem os lucros e o crescimento almejados. (KOTLER, 2001). Para isso, é fundamental que realmente as empresas estejam preparadas, e que utilizam as ferramentas e conceito de Marketing, desenvolver suas ideias para crescer no mercado atual, o qual exige sempre mudanças. Ter bem claro e especificado seus conhecimentos dentro e fora da empresa. Conhecer seus clientes para oferecer seus produtos, preço no qual precisa ser dado em troca de bens, serviço ou ideias, a praça será os canais de distribuição usadas para levar bens, serviços ou ideias ao mercado alvo e manter a promoção que são os meios pessoais e impessoais usados para informar, convencer e lembrar os clientes sobre os produtos. Para tanto, coube a formulação do problema a partir da seguinte questão de estudo: Quais os elementos que devem ser apresentados em um plano de marketing para a empresa Big Lanches atrair e conquistar novos clientes? 1.3 OBJETIVO GERAL Desenvolver um Plano de Marketing para a comercialização dos produtos da Lancheria Big Lanches, propondo melhorias e a capacidade de atrair e conquistar novos clientes Objetivos Específicos Determinar a atual situação e atividades da Lancheria Big Lanches. Realizar uma pesquisa com os atuais clientes e a proprietária, para a definição das estratégicas.

17 17 Identificar as oportunidades e ameaças, os pontos fortes e fracos do ambiente da empresa. Desenvolver um plano de Marketing para a Lancheria Big Lanches e definir plano de ações. 1.4 JUSTIFICATIVA As empresas estão passando por profunda modificação no desenrolar do seu cotidiano, ficando cada vez mais difícil manter-se no mercado, sem a adoção de mudanças substanciais que tragam retorno efetivo. O motivo principal da escolha deste tema foi a necessidade de um aprofundamento plano de Marketing para uma constante melhora de desempenho da empresa referente ao ambiente, comercialização dos seus produtos e a capacidade de atrair novos consumidores e clientes. Para Kotler (apud Las Casas, 1999, 13), planejar estrategicamente significa estar em sintonia com mercado, visando à adaptação da direção estratégica de uma empresa às mutantes oportunidades de mercado, considerando-se sempre os recursos disponíveis e os objetivos perseguidos. Esse aspecto da definição revela um importante componente da estratégia, uma vez que o administrador deve procurar nas mudanças a chave para seu sucesso, considerando-se determinado de recursos. Para que isso seja possível, as empresas necessitam buscar constantemente novos conhecimentos e conceitos que influenciam diretamente na área mercadológica, procurando ampliar seus negócios, que são possíveis quando a empresa toma conhecimento das reais necessidades dos consumidores, que por sua vez, buscam um atendimento diferenciado com qualidade e eficiência, trazendolhes melhor satisfação. Para Stevens, Loudon e Wrenn (2000), o planejamento pode ser definido como atividade administrativa que envolve análise do ambiente, estabelecimento de

18 18 metas, decisão sobre ações específicas necessárias para atingir as metas e oferecer feedback sobre os resultados. A flexibilidade das empresas é indispensável para enfrentar os desafios do mercado, que são obtidos através de uma estrutura bem organizada, um atendimento diferenciado aos clientes e a adoção de estratégias de Marketing com visão voltada para o futuro. Devido a amplitude e necessidades na linha de gastronomia, o consumo e necessidades das pessoas aumentam cada vez mais a consumir produtos de lancherias e restaurante, surgiu a necessidade de um estudo e adoção de divulgação para a Lancheria Big Lanches de seus produtos gastronômicos, os quais nunca receberam um estudo profundo das formas como divulgar e comercializar seus produtos. Pela necessidade de mudanças nas atividades de comercialização dos seus produtos da Lancheria Big Lanches, foi elaborado um plano de marketing, capaz de divulgar seus produtos e a empresa de maneira eficiente, bem como despertar, incentivar e influenciar o consumidor, utilizando os recursos de forma adequada para satisfazer e atrair novos clientes e consequentemente aumentar os resultados da empresa. Convém destacar que o plano de marketing deve ser frequentemente revisado e sempre procurar manter atualizações e novidades, pois para a realidade da empresa deve-se enfrentar e desenvolver os planos conforme as necessidade e exigências do mercado.

19 2 REFERENCIAL TEÓRICO Nessa fase do projeto é apresentado o Referencial Teórico, no qual serviram como base para o desenvolvimento do estudo, buscando melhor compreensão do plano de marketing. 2.1 MARKETING O marketing evoluiu desde seu surgimento, da distribuição de vendas na função de atender as necessidades do consumidor para uma filosofia abrangente de suprir e antecipar-se as necessidades dos clientes, intruduzindo no mercado produtos e serviços que proporcionam satisfação ao consumidor. Para Cobra (1992, p. 34), marketing é o processo de planejamento e execução desde a concepção, apreçamento, promoção e distribuição de ideias, mercadorias e serviços para criar trocas que satisfaçam os objetivos individuais e organizacionais. De acordo com Kotler (1999), marketing significa trabalhar com mercado na tentativa de realizar as trocas em potencial com o objetivo de satisfazer às necessidades e aos desejos das pessoas, ou seja, uma atividade humana dirigida para satisfazer suas necessidades e desejos, através do processo de troca. Segundo Cobra (1992), marketing é mais do que uma forma de sentir o mercado e adaptar produtos ou serviços, é um compromisso com a busca da melhoria da qualidade de vida das pessoas. Marketing tem sido a razão de ser das organizações, a identificação de necessidades a serem satisfeitas por meio de

20 20 ideias, produtos ou serviços. Lembra também que a função primária do marketing é ligar a organização com o meio ambiente e com os valores, as normas e a cultura geral da sociedade, isso faz com que as pessoas pratiquem Marketing quase que intuitivamente. Para Ohio State University (1992 apud Cobra, 1997, p. 23), é o processo na sociedade pelo qual a estrutura da demanda para bens econômicos e serviços é antecipada ou abrangida através da concepção, promoção, troca e distribuição física de bens e serviços. O Marketing direciona as atividades que envolvem a criação e distribuição de produtos em segmentos de mercado identificados (STEVENS et al, 2001, p. 4). Marketing é a atividade humana dirigida para a satisfação das necessidades e desejos, através dos processos de troca (KOTLER, 1996, p. 31). Para Kotler e Armstrong (1998) não se deve compreender que Marketing possui unicamente o sentido de vender dizer e vender mas principalmente o ato de satisfazer necessidades do cliente. Ressalta ainda que o objetivo do Marketing é tornar a venda supérflua. É conhecer e compreender o cliente tão bem que o produto ou serviço sirva e venda por si próprio. Além disso, é necessário que o marketing seja um exercício diário, identificando e produzindo rapidamente para antecipar-se as tendências do mercado. O foco do marketing é o mercado, que deve ser entendido o seu comportamento e levando-o para o mercado consumidor, que deve ser conquistado diariamente. Para isso, as empresas devem tratar de formar uniforme, com as mesmas vantagens, os clientes antigos e os novos, pois nos dias de hoje o bom atendimento é exceção, sendo a grande mágica do momento. 2.2 PLANEJAMENTO DE MARKETING De acordo com Kotler (1992 apud COBRA, 1997), o planejamento estratégico é o processo administrativo de desenvolver e manter uma viabilidade entre os objetivos organizacionais e os recursos e as oportunidades de mercado em

21 21 constante mutação. O alvo do planejamento estratégico é configurar e reconfigurar o negócio da empresa e seus produtos de forma que eles combinem produção de lucros e crescimento. Para Cobra (1992), o plano de marketing é uma ferramenta de comunicação que integra todos os elementos do composto de mercadológico: produto, marca, embalagem, preço, assistência ao cliente, vendas, propaganda, promoção de venda, merchandising e relações públicas. Tudo isso em um simples programa compreensivo para ação coordenada em todos os níveis de mercado. O plano deve ser especificado por produto, mercado e região, quem fará o quê, onde, quando e como, com a finalidade de atingir as metas da empresa de maneira eficaz. Já para Dias (2004), o plano de marketing é um documento estratégico, coorporativo por meio do qual diversos fatores são considerados e sintetizados, alternativas são avaliadas e decisões são tomadas. O plano de marketing é uma parte crucial do plano de negócio global da empresa, e fornece à diretoria planos mais específicos e detalhados relacionados ao marketing. De acordo com Las Casas (1999, p. 20), o plano de marketing é importante para as empresas, uma vez que é resultado de um processo de planejamento. O processo de planejamento toma forma no momento em que o administrador escreve o plano. Por isso mesmo se diz que um plano não valida uma ideia de marketing, mas uma boa ideia de marketing é validada com um bom plano. Ele é usado para concretizar a criatividade, a imaginação e a inovação. Conforme Chiavenato (1994, p. 186), o planejamento estratégico é um conjunto de tomada deliberada e sistemática de decisões envolvendo empreendimentos que afetam ou deveriam afetar toda a empresa por longos períodos de tempo. De acordo com Las Casas (1999), o plano formal permite a realização de estudos e comparações para avaliar os sucessos ou fracassos nos resultados obtidos pela empresa, auxiliando para melhorias futuras. Sua elaboração dificulta o improviso, pois o sistema direciona as metas a serem atingidas. Mas, num ambiente que muda frequentemente, o improviso é necessário para uma boa administração, sendo que as atividades pré-determinadas no plano necessitam estarem alinhadas e em constante adaptação de acordo com as exigências do mercado.

22 O plano de marketing é a base na qual os outros planos da empresa devem estar montadas; define as metas, princípios, procedimentos e métodos que determinam o futuro, é efeito, desde que envolva um compromisso por parte de todos os que contribuem para o sucesso, do presidente ao funcionário da expedição de embalagens, e à medida também que ele esteja atualizado com o sempre mutável meio ambiente mercadológico (COBRA, 1992, p.88). 22 De acordo com Kotler (1992), os objetivos expressam os caminhos que a empresa pretende seguir, enquanto que a estratégia é o projeto final para se chegar, ou seja, a estratégia é direcionada para os objetivos de crescimento e de lucro derivado dos elementos de marketing, finanças e produção. Para Stevens (2000 apud ZAMBERLAN, SPAREMBERGER, 2008), o planejamento pode ser definido como atividade administrativa que envolve análise do ambiente, estabelecimento de metas, decisão sobre ações específica necessárias para atingir as metas e oferecer feedback sobre os resultados. Entende-se que o plano de marketing identifica as oportunidades e mostra como obter e manter as posições desejadas no mercado. Cada setor da empresa deve fazer um plano formal para que os objetivos da organização sejam alcançados, onde a união de todos esses planos formam o plano estratégico. Neste, deve conter os detalhes das atividades definidas na estratégias de marketing que servem como base para as atividades da empresa, onde quem receber o plano deve saber o que fazer, através da especificação dos detalhes das ações a serem tomadas para a execução do plano Visão Para Fin (2006), a visão estabelece grandes desafios, difíceis e audaciosos, para incentivar o avanço rumo ao futuro. Uma visão é clara e inspiradora, concentra esforços e catalisa o espírito de equipe. A visão leva as pessoas a se envolver, requer pouca ou nenhuma explicação e é aprendida rapidamente. Conforme Albrecht (1994) a visão é uma imagem compartilhada daquilo que deseja-se que a empresa seja ou venha a ser, tipicamente expressa em termos do sucesso aos olhos de seus clientes ou outros cuja aprovação possa afetar seu

23 23 destino. É uma determinação assumida pelos líderes que fornece um ponto que se deseja atingir para uma orientação futura. Para Armstrong (1995, apud ZAMBERLAM, SPAREMBERGER, 2008), a declaração de visão deve ser redigida de forma ampla, para canalizar positivamente todos os anseios coletivos da organização em direção aquele objetivo que é quase impossível de se alcançar: a organização dos nossos sonhos. Conforme Deniels (1996), as empresas precisam dispor de uma poderosa visão para conduzir a organização e todos os colaboradores para o futuro. Uma visão eficaz proporciona inspiração e é intangível poderoso que pode criar resultados tangíveis poderosos. Da mesma forma, a falta de uma visão pode dividir os esforços da organização Missão Para Cobra (1992), a missão deve definir o seu negócio, ou seja, explicitar que necessidade devem ser supridas, em que mercado, com quais produtos e com que tecnologia, de forma a refletir valores, crenças, desejos e aspirações dos responsáveis pela direção da organização, bem como de seus públicos reivindicantes. A declaração da missão é uma definição do propósito da organização, o que ela deseja atingir em um ambiente maior. A definição clara da missão age como uma mão invisível guiando as pessoas dentro da organização a fim de que elas possam trabalhar no sentido de atingir os objetivos totais da organização, de forma independente, mas ao mesmo tempo coletivo. (KOTLER; ARMSTRONG, 1998, p.24) Negócio De acordo com Kotler e Armstrong (1998), o objetivo de negócio é atrair clientes, pois são os clientes que fazem organização atingir o sucesso, e a principal tarefa da organização é atraí-los com satisfação de suas necessidades.

24 24 Segundo Silva (2004), a definição do negócio de uma empresa visa determinar o seu âmbito de atuação. Na maioria das vezes, não é obvia esta definição, demandando bastante reflexão e análise. Portfólio de negócio é o conjunto de negócios e produtos que constituem a empresa. O melhor portfólio de negócio é aquele que se adapta às forças e fraquezas da empresa diante das oportunidades do ambiente.(kotler; ARMSTRONG, 1998, p. 25) Objetivos De acordo com Kotler e Armstrong (1998), o objetivo do negócio é atrair clientes, pois são os clientes que fazem a empresa atingir o sucesso e a principal tarefa da empresa é atraí-los e mantê-los com satisfação de suas necessidades. Para Las Casas (1999), objetivos são os resultados operacionais, financeiros ou qualquer outro que a empresa deseja atingir em determinado período com seu plano estratégico, podendo ser quantitativo ou qualitativo e determinados, a curto, médio e longo prazo. De acordo com Kotler (1996), o objetivo de uma empresa deve ser definido em termos de satisfação alguma necessidade do ambiente externo. A missão e o objetivo básico devem ser traduzidos em objetivos específicos para que a empresa alcançe suas atividades no ambiente externo. Segundo Glueck (apud Las Casas, 1999, p. 88), objetivos são os fins que a organização pretende atingir através de sua existência e operações. Objetivos são parte integral do processo de administração estrat gica. Eles são os fins que a empresa procura e o critério para determinar sua efetividade. Para Kotler (1996, p. 84), os objetivos servem aos seguintes propósitos da organização: - Fornecer às pessoas um sentido específico de seu papel na organização. - Dão consistência à tomada de decisão entre um grande número de diferentes administradores. - Fornecem a base para um planejamento específico.

Um dos objetivos deste tema é orientar as ações sistemáticas na busca satisfazer o consumidor estimulando a demanda e viabilizando o lucro.

Um dos objetivos deste tema é orientar as ações sistemáticas na busca satisfazer o consumidor estimulando a demanda e viabilizando o lucro. PLANO DE MARKETING Andréa Monticelli Um dos objetivos deste tema é orientar as ações sistemáticas na busca satisfazer o consumidor estimulando a demanda e viabilizando o lucro. 1. CONCEITO Marketing é

Leia mais

4. Tendências em Gestão de Pessoas

4. Tendências em Gestão de Pessoas 4. Tendências em Gestão de Pessoas Em 2012, Gerenciar Talentos continuará sendo uma das prioridades da maioria das empresas. Mudanças nas estratégias, necessidades de novas competências, pressões nos custos

Leia mais

Planejamento de Campanha Publicitária

Planejamento de Campanha Publicitária Planejamento de Campanha Publicitária Prof. André Wander UCAM O briefing chegou. E agora? O profissional responsável pelo planejamento de campanha em uma agência de propaganda recebe o briefing, analisa

Leia mais

FTAD FORMAÇÃO TÉCNICA EM ADMINISTRAÇÃO MÓDULO DE MARKETING. Professor: Arlindo Neto

FTAD FORMAÇÃO TÉCNICA EM ADMINISTRAÇÃO MÓDULO DE MARKETING. Professor: Arlindo Neto FTAD FORMAÇÃO TÉCNICA EM ADMINISTRAÇÃO MÓDULO DE MARKETING Professor: Arlindo Neto Competências a serem trabalhadas GESTÃO DE MARKETING PUBLICIDADE E PROPAGANDA GESTÃO COMERCIAL FTAD FORMAÇÃO TÉCNICA EM

Leia mais

ROTEIRO PARA ELABORAÇÃO DO PLANO DE NEGÓCIOS

ROTEIRO PARA ELABORAÇÃO DO PLANO DE NEGÓCIOS ROTEIRO PARA ELABORAÇÃO DO PLANO DE NEGÓCIOS O plano de negócios deverá conter: 1. Resumo Executivo 2. O Produto/Serviço 3. O Mercado 4. Capacidade Empresarial 5. Estratégia de Negócio 6. Plano de marketing

Leia mais

PLANO DE NEGÓCIOS. Causas de Fracasso:

PLANO DE NEGÓCIOS. Causas de Fracasso: PLANO DE NEGÓCIOS Causas de Fracasso: Falta de experiência profissional Falta de competência gerencial Desconhecimento do mercado Falta de qualidade dos produtos/serviços Localização errada Dificuldades

Leia mais

CURSO SUPERIOR DE TECNOLOGIA EM MARKETING PROJETO INTEGRADOR

CURSO SUPERIOR DE TECNOLOGIA EM MARKETING PROJETO INTEGRADOR CURSO SUPERIOR DE TECNOLOGIA EM MARKETING PROJETO INTEGRADOR PROJETO INTEGRADOR 1. INTRODUÇÃO Conforme as diretrizes do Projeto Pedagógico dos Cursos Superiores de Tecnologia da Faculdade Unida de Suzano

Leia mais

CONHECIMENTOS ESPECÍFICOS» ADMINISTRAÇÃO (MARKETING) «

CONHECIMENTOS ESPECÍFICOS» ADMINISTRAÇÃO (MARKETING) « CONHECIMENTOS ESPECÍFICOS» ADMINISTRAÇÃO (MARKETING) «21. É falacioso falar que o marketing é filho do capitalismo e, portanto, apenas ajudaria a concentrar a renda satisfazendo necessidades supérfluas

Leia mais

Modelo para elaboração do Plano de Negócios

Modelo para elaboração do Plano de Negócios Modelo para elaboração do Plano de Negócios 1- SUMÁRIO EXECUTIVO -Apesar de este tópico aparecer em primeiro lugar no Plano de Negócio, deverá ser escrito por último, pois constitui um resumo geral do

Leia mais

Missão, Visão e Valores

Missão, Visão e Valores , Visão e Valores Disciplina: Planejamento Estratégico Página: 1 Aula: 12 Introdução Página: 2 A primeira etapa no Planejamento Estratégico é estabelecer missão, visão e valores para a Organização; As

Leia mais

Análise de Mercado. Análise da Indústria/Setor. Descrição do Segmento de Mercado. Artigos de PN Como fazer Análise de Mercado. josedornelas.com.

Análise de Mercado. Análise da Indústria/Setor. Descrição do Segmento de Mercado. Artigos de PN Como fazer Análise de Mercado. josedornelas.com. Artigos de PN Como fazer Análise de Mercado Análise de Mercado A análise de mercado é um dos componentes do plano de negócios que está relacionado ao marketing da organização. Ela apresenta o entendimento

Leia mais

ANEXO 1: Formato Recomendado de Planos de Negócios - Deve ter entre 30 e 50 páginas

ANEXO 1: Formato Recomendado de Planos de Negócios - Deve ter entre 30 e 50 páginas ANEXO 1: Formato Recomendado de Planos de Negócios - Deve ter entre 30 e 50 páginas 1) Resumo Executivo Descrição dos negócios e da empresa Qual é a ideia de negócio e como a empresa se chamará? Segmento

Leia mais

3. Estratégia e Planejamento

3. Estratégia e Planejamento 3. Estratégia e Planejamento Conteúdo 1. Conceito de Estratégia 2. Vantagem Competitiva 3 Estratégias Competitivas 4. Planejamento 1 Bibliografia Recomenda Livro Texto: Administração de Pequenas Empresas

Leia mais

PLANO DE NEGÓCIOS Roteiro

PLANO DE NEGÓCIOS Roteiro Anexo 3 PLANO DE NEGÓCIOS Roteiro 1. Capa 2. Sumário 3. Sumário executivo 4. Descrição da empresa 5. Planejamento Estratégico do negócio 6. Produtos e Serviços 7. Análise de Mercado 8. Plano de Marketing

Leia mais

Estratégias em Propaganda e Comunicação

Estratégias em Propaganda e Comunicação Ferramentas Gráficas I Estratégias em Propaganda e Comunicação Tenho meu Briefing. E agora? Planejamento de Campanha Publicitária O QUE VOCÊ DEVE SABER NO INÍCIO O profissional responsável pelo planejamento

Leia mais

AS DECISÕES REFERENTES AOS CANAIS DE MARKETING ESTÃO ENTRE AS MAIS CRÍTICAS COM QUE AS GERÊNCIAS PRECISAM LIDAR

AS DECISÕES REFERENTES AOS CANAIS DE MARKETING ESTÃO ENTRE AS MAIS CRÍTICAS COM QUE AS GERÊNCIAS PRECISAM LIDAR KOTLER, 2006 AS DECISÕES REFERENTES AOS CANAIS DE MARKETING ESTÃO ENTRE AS MAIS CRÍTICAS COM QUE AS GERÊNCIAS PRECISAM LIDAR. OS CANAIS AFETAM TODAS AS OUTRAS DECISÕES DE MARKETING Desenhando a estratégia

Leia mais

MAISMKT - Ações em Marketing e uma empresa voltada para avaliação do atendimento, relacionamento com cliente, e marketing promocional.

MAISMKT - Ações em Marketing e uma empresa voltada para avaliação do atendimento, relacionamento com cliente, e marketing promocional. Empresa MAISMKT - Ações em Marketing e uma empresa voltada para avaliação do atendimento, relacionamento com cliente, e marketing promocional. Nossa filosofia e oferecer ferramentas de gestão focadas na

Leia mais

...estas abordagens contribuem para uma ação do nível operacional do design.

...estas abordagens contribuem para uma ação do nível operacional do design. Projetar, foi a tradução mais usada no Brasil para design, quando este se refere ao processo de design. Maldonado definiu que design é uma atividade de projeto que consiste em determinar as propriedades

Leia mais

MARKETING E VENDAS NA FARMÁCIA

MARKETING E VENDAS NA FARMÁCIA MARKETING E VENDAS NA FARMÁCIA Há muito se discute que o mercado de farmácias é ambiente competitivo e que a atividade vem exigindo profissionalismo para a administração de seus processos, recursos e pessoal.

Leia mais

FACULDADE DE ADMINISTRAÇÃO E NEGÓCIOS - FAN CEUNSP SALTO /SP CURSO DE TECNOLOGIA EM MARKETING TRABALHO INTERDISCIPLINAR

FACULDADE DE ADMINISTRAÇÃO E NEGÓCIOS - FAN CEUNSP SALTO /SP CURSO DE TECNOLOGIA EM MARKETING TRABALHO INTERDISCIPLINAR APRESENTAÇÃO DO TI O Trabalho Interdisciplinar é um projeto desenvolvido ao longo dos dois primeiros bimestres do curso. Os alunos tem a oportunidade de visualizar a unidade da estrutura curricular do

Leia mais

PLANEJAMENTO DE MARKETING

PLANEJAMENTO DE MARKETING PLANEJAMENTO DE MARKETING A análise ambiental e o planejamento beneficiam os profissionais de marketing e a empresa como um todo, ajudando os gerentes e funcionários de todos os níveis a estabelecer prioridades

Leia mais

PLANEJAMENTO ESTRATÉGICO

PLANEJAMENTO ESTRATÉGICO PLANEJAMENTO ESTRATÉGICO Este material resulta da reunião de fragmentos do módulo I do Curso Gestão Estratégica com uso do Balanced Scorecard (BSC) realizado pelo CNJ. 1. Conceitos de Planejamento Estratégico

Leia mais

Processos Gerenciais

Processos Gerenciais UNIVERSIDADE PAULISTA CURSO SUPERIOR DE TECNOLOGIA Projeto Integrado Multidisciplinar III e IV Processos Gerenciais Manual de orientações - PIM Curso Superior de Tecnologia em Processos Gerenciais. 1.

Leia mais

PLANEJAMENTO ESTRATÉGICO

PLANEJAMENTO ESTRATÉGICO PLANEJAMENTO ESTRATÉGICO É o processo gerencial de desenvolver e manter um ajuste viável entre os objetivos, experiências e recursos da organização e suas oportunidades de mercado. Moldando e remoldando

Leia mais

CURSO SUPERIOR DE TECNOLOGIA EM GESTÃO FINANCEIRA PROJETO INTEGRADOR. Suzano

CURSO SUPERIOR DE TECNOLOGIA EM GESTÃO FINANCEIRA PROJETO INTEGRADOR. Suzano CURSO SUPERIOR DE TECNOLOGIA EM GESTÃO FINANCEIRA PROJETO INTEGRADOR Suzano PROJETO INTEGRADOR 1. Introdução O mercado atual de trabalho exige dos profissionais a capacidade de aplicar os conhecimentos

Leia mais

Balanced Scorecard BSC. O que não é medido não é gerenciado. Medir é importante? Também não se pode medir o que não se descreve.

Balanced Scorecard BSC. O que não é medido não é gerenciado. Medir é importante? Também não se pode medir o que não se descreve. Balanced Scorecard BSC 1 2 A metodologia (Mapas Estratégicos e Balanced Scorecard BSC) foi criada por professores de Harvard no início da década de 90, e é amplamente difundida e aplicada com sucesso em

Leia mais

GUIA DE ELABORAÇÃO DE PLANO DE NEGÓCIOS

GUIA DE ELABORAÇÃO DE PLANO DE NEGÓCIOS GUIA DE ELABORAÇÃO DE PLANO DE NEGÓCIOS Sumário 1. APRESENTAÇÃO... 2 2. PLANO DE NEGÓCIOS:... 2 2.1 RESUMO EXECUTIVO... 3 2.2 O PRODUTO/SERVIÇO... 3 2.3 O MERCADO... 3 2.4 CAPACIDADE EMPRESARIAL... 4 2.5

Leia mais

ESTRATÉGIAS MERCADOLÓGICAS UTILIZADAS PELAS OPERADORAS, TIM, CLARO E VIVO.

ESTRATÉGIAS MERCADOLÓGICAS UTILIZADAS PELAS OPERADORAS, TIM, CLARO E VIVO. 1 ESTRATÉGIAS MERCADOLÓGICAS UTILIZADAS PELAS OPERADORAS, TIM, CLARO E VIVO. Juliana da Silva RIBEIRO 1 RESUMO: O presente trabalho enfoca as estratégias das operadoras de telefonia móvel TIM,VIVO e CLARO

Leia mais

1- O que é um Plano de Marketing?

1- O que é um Plano de Marketing? 1- O que é um Plano de Marketing? 2.1-1ª etapa: Planejamento Um Plano de Marketing é um documento que detalha as ações necessárias para atingir um ou mais objetivos de marketing, adaptando-se a mudanças

Leia mais

ELEMENTOS DO PLANO DE NEGÓCIOS

ELEMENTOS DO PLANO DE NEGÓCIOS INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DO PIAUÍ - CAMPUS DE PARNAÍBA CURSO: Técnico em Informática DISCIPLINA: Empreendedorismo PROFESSORA: CAROLINE PINTO GUEDES FERREIRA ELEMENTOS DO PLANO

Leia mais

Prof. Marcelo Mello. Unidade IV DISTRIBUIÇÃO E

Prof. Marcelo Mello. Unidade IV DISTRIBUIÇÃO E Prof. Marcelo Mello Unidade IV DISTRIBUIÇÃO E TRADE MARKETING Trade Marketing é confundido por algumas empresas como um conjunto de ferramentas voltadas para a promoção e a comunicação dos produtos. O

Leia mais

TÍTULO: O CRM NA FIDELIZAÇÃO DE CLIENTES EM UMA EMPRESA DE MATERIAL PARA CONSTRUÇÃO

TÍTULO: O CRM NA FIDELIZAÇÃO DE CLIENTES EM UMA EMPRESA DE MATERIAL PARA CONSTRUÇÃO TÍTULO: O CRM NA FIDELIZAÇÃO DE CLIENTES EM UMA EMPRESA DE MATERIAL PARA CONSTRUÇÃO CATEGORIA: CONCLUÍDO ÁREA: CIÊNCIAS SOCIAIS APLICADAS SUBÁREA: ADMINISTRAÇÃO INSTITUIÇÃO: FACULDADE DE AURIFLAMA AUTOR(ES):

Leia mais

Plano de Marketing e Vendas e a Análise Estratégica do Negócio Fabiano Marques

Plano de Marketing e Vendas e a Análise Estratégica do Negócio Fabiano Marques Plano de Marketing e Vendas e a Análise Estratégica do Negócio Fabiano Marques Nada é mais perigoso do que uma idéia, quando ela é a única que temos. (Alain Emile Chartier) Neste módulo, faremos, a partir

Leia mais

INSTITUTO DE EDUCAÇÃO TECNOLÓGICA

INSTITUTO DE EDUCAÇÃO TECNOLÓGICA INSTITUTO DE EDUCAÇÃO TECNOLÓGICA Autor: Jeferson Correia dos Santos ARTIGO TÉCNICO INOVAÇÃO NA GESTÃO DE PÓS-VENDAS: SETOR AUTOMOTIVO RESUMO A palavra inovação tem sido atualmente umas das mais mencionadas

Leia mais

01/12/2012 MEIO AMBIENTE E RESPONSABILIDADE SOCIAL. Guarantã do Norte/MT A SOCIEDADE ESTÁ EM TRANSFORMAÇÃO

01/12/2012 MEIO AMBIENTE E RESPONSABILIDADE SOCIAL. Guarantã do Norte/MT A SOCIEDADE ESTÁ EM TRANSFORMAÇÃO MEIO AMBIENTE E RESPONSABILIDADE SOCIAL Guarantã do Norte/MT A SOCIEDADE ESTÁ EM TRANSFORMAÇÃO TAREFAS ESTRUTURA PESSOAS AMBIENTE TECNOLOGIA ÊNFASE NAS TAREFAS Novos mercados e novos conhecimentos ÊNFASE

Leia mais

ESTUDO DA IMPORTÂNCIA DO PLANEJAMENTO ESTRATÉGICO PARA O COMÉRCIO VAREJISTA LUCIMEIRI CEZAR ANDRÉ

ESTUDO DA IMPORTÂNCIA DO PLANEJAMENTO ESTRATÉGICO PARA O COMÉRCIO VAREJISTA LUCIMEIRI CEZAR ANDRÉ ESTUDO DA IMPORTÂNCIA DO PLANEJAMENTO ESTRATÉGICO PARA O COMÉRCIO VAREJISTA LUCIMEIRI CEZAR ANDRÉ Acadêmica de Administração Geral na Faculdade Metropolitana de Maringá /PR - 2005 RESUMO: A atividade comercial

Leia mais

A FUNÇÃO CONTROLE. Orientação do controle

A FUNÇÃO CONTROLE. Orientação do controle A FUNÇÃO CONTROLE O controle é a ultima função da administração a ser analisadas e diz respeito aos esforços exercidos para gerar e usar informações relativas a execução das atividades nas organizações

Leia mais

UNIVERSIDADE PAULISTA

UNIVERSIDADE PAULISTA UNIVERSIDADE PAULISTA CURSO SUPERIOR DE TECNOLOGIA Projeto Integrado Multidisciplinar III e IV Marketing Manual de orientações - PIM Curso Superior de Tecnologia em Marketing. 1. Introdução Os Projetos

Leia mais

Aula 13. Roteiro do Plano de Marketing. Profa. Daniela Cartoni

Aula 13. Roteiro do Plano de Marketing. Profa. Daniela Cartoni Aula 13 Roteiro do Plano de Marketing Profa. Daniela Cartoni Plano de Marketing: Estrutura Capa ou folha de rosto 1. Sumário Executivo 2. Situação atual de marketing 3. Análise de oportunidades 4. Objetivos

Leia mais

&DPSDQKDV 3ODQHMDPHQWR

&DPSDQKDV 3ODQHMDPHQWR &DPSDQKDV 3ODQHMDPHQWR Toda comunicação publicitária visa atender a alguma necessidade de marketing da empresa. Para isso, as empresas traçam estratégias de comunicação publicitária, normalmente traduzidas

Leia mais

FACULDADE DE ADMINISTRAÇÃO E NEGÓCIOS - FAN CEUNSP SALTO /SP CURSO DE TECNOLOGIA EM GESTÃO COMERCIAL TRABALHO INTERDISCIPLINAR

FACULDADE DE ADMINISTRAÇÃO E NEGÓCIOS - FAN CEUNSP SALTO /SP CURSO DE TECNOLOGIA EM GESTÃO COMERCIAL TRABALHO INTERDISCIPLINAR APRESENTAÇÃO DO TI O Trabalho Interdisciplinar é um projeto desenvolvido ao longo dos dois primeiros bimestres do curso. Os alunos tem a oportunidade de visualizar a unidade da estrutura curricular do

Leia mais

Unidade IV. Marketing. Profª. Daniela Menezes

Unidade IV. Marketing. Profª. Daniela Menezes Unidade IV Marketing Profª. Daniela Menezes Comunicação (Promoção) Mais do que ter uma ideia e desenvolver um produto com qualidade superior é preciso comunicar a seus clientes que o produto e/ ou serviço

Leia mais

Programa de Capacitação em Gestão da Responsabilidade Social Empresarial e Desenvolvimento PETROBRÁS

Programa de Capacitação em Gestão da Responsabilidade Social Empresarial e Desenvolvimento PETROBRÁS Programa de Capacitação em Gestão da Responsabilidade Social Empresarial e Desenvolvimento PETROBRÁS OFICINA 2 Professora: Izabel Portela izabel@institutoiris.org.br Novembro - 2007 1 M A R K E T I N G

Leia mais

Plano de Marketing. Introdução (breve) ao Marketing Análise de Mercado Estratégias de Marketing

Plano de Marketing. Introdução (breve) ao Marketing Análise de Mercado Estratégias de Marketing Plano de Marketing Introdução (breve) ao Marketing Análise de Mercado Estratégias de Marketing 1 Plano de Marketing É o resultado de um processo de planejamento. Define o quevai ser vendido, por quanto,

Leia mais

Plano de Negócios. Passo a passo sobre como iniciar um Plano de Negócios para sua empresa. Modelo de Planejamento prévio

Plano de Negócios. Passo a passo sobre como iniciar um Plano de Negócios para sua empresa. Modelo de Planejamento prévio Plano de Negócios Passo a passo sobre como iniciar um Plano de Negócios para sua empresa Modelo de Planejamento prévio Fraiburgo, 2015 Plano de Negócios Um plano de negócios é uma descrição do negócio

Leia mais

GESTÃO POR COMPETÊNCIAS

GESTÃO POR COMPETÊNCIAS GESTÃO POR COMPETÊNCIAS STM ANALISTA/2010 ( C ) Conforme legislação específica aplicada à administração pública federal, gestão por competência e gestão da capacitação são equivalentes. Lei 5.707/2006

Leia mais

Modelos, Métodos e Técnicas de Planejamento

Modelos, Métodos e Técnicas de Planejamento UNIVERSIDADE ESTADUAL PAULISTA Faculdade de Filosofia e Ciências Câmpus de Marília Departamento de Ciência da Informação Modelos, Métodos e Técnicas de Planejamento Profa. Marta Valentim Marília 2014 Modelos,

Leia mais

A IMPORTÂNCIA DA CONTABILIDADE GERENCIAL NA GESTÃO EMPRESARIAL

A IMPORTÂNCIA DA CONTABILIDADE GERENCIAL NA GESTÃO EMPRESARIAL A IMPORTÂNCIA DA CONTABILIDADE GERENCIAL NA GESTÃO EMPRESARIAL Aldemar Dias de Almeida Filho Discente do 4º ano do Curso de Ciências Contábeis Faculdades Integradas de Três Lagoas AEMS Élica Cristina da

Leia mais

Planejamento Organização Direção Controle. Termos chaves Planejamento processo de determinar os objetivos e metas organizacionais e como realiza-los.

Planejamento Organização Direção Controle. Termos chaves Planejamento processo de determinar os objetivos e metas organizacionais e como realiza-los. Decorrência da Teoria Neoclássica Processo Administrativo. A Teoria Neoclássica é também denominada Escola Operacional ou Escola do Processo Administrativo, pela sua concepção da Administração como um

Leia mais

SUPERE A CRISE E FORTALEÇA SEU NEGÓCIO.

SUPERE A CRISE E FORTALEÇA SEU NEGÓCIO. Workshop para empreendedores e empresários do Paranoá DF. SUPERE A CRISE E FORTALEÇA SEU NEGÓCIO. Dias 06 e 13 de Dezembro Hotel Bela Vista Paranoá Das 08:00 às 18:00 horas Finanças: Aprenda a controlar

Leia mais

FUNDAMENTOS DE MARKETING

FUNDAMENTOS DE MARKETING FUNDAMENTOS DE MARKETING Há quatro ferramentas ou elementos primários no composto de marketing: produto, preço, (ponto de) distribuição e promoção. Esses elementos, chamados de 4Ps, devem ser combinados

Leia mais

Unidade II GESTÃO DO CONHECIMENTO. Profa. Leonor Cordeiro Brandão

Unidade II GESTÃO DO CONHECIMENTO. Profa. Leonor Cordeiro Brandão Unidade II GESTÃO DO CONHECIMENTO Profa. Leonor Cordeiro Brandão Relembrando Vimos alguns conceitos importantes: O que são dados; O que é informação; Quando uma informação se transforma em conhecimento;

Leia mais

O Valor estratégico da sustentabilidade: resultados do Relatório Global da McKinsey

O Valor estratégico da sustentabilidade: resultados do Relatório Global da McKinsey O Valor estratégico da sustentabilidade: resultados do Relatório Global da McKinsey Executivos em todos os níveis consideram que a sustentabilidade tem um papel comercial importante. Porém, quando se trata

Leia mais

Pesquisa de Marketing

Pesquisa de Marketing Pesquisa de Marketing CONCEITOS INICIAIS Prof. Daciane de Oliveira Silva Fonte: MALHORTA, Naresh K. Pesquisa de Marketing: uma orientação aplicada. 4 ed. Porto Alegre: Bookman, 2006. MATTAR, Fauze Najib.

Leia mais

Estratégia de Operações - Modelos de Formulação - Jonas Lucio Maia

Estratégia de Operações - Modelos de Formulação - Jonas Lucio Maia Estratégia de Operações - Modelos de Formulação - Jonas Lucio Maia Processo de EO Procedimentos que são, ou podem ser, usados para formular as estratégias de operações que a empresa deveria adotar (SLACK,

Leia mais

Auditoria Interna do Futuro: Você está Preparado? Oswaldo Basile, CIA, CCSA. Presidente IIA Brasil

Auditoria Interna do Futuro: Você está Preparado? Oswaldo Basile, CIA, CCSA. Presidente IIA Brasil Auditoria Interna do Futuro: Você está Preparado? Oswaldo Basile, CIA, CCSA. Presidente IIA Brasil O futuro é (deveria ser) o sucesso Como estar preparado? O que você NÃO verá nesta apresentação Voltar

Leia mais

A IMPORTÂNCIA DA GESTÃO DE CUSTOS NA ELABORAÇÃO DO PREÇO DE VENDA

A IMPORTÂNCIA DA GESTÃO DE CUSTOS NA ELABORAÇÃO DO PREÇO DE VENDA 553 A IMPORTÂNCIA DA GESTÃO DE CUSTOS NA ELABORAÇÃO DO PREÇO DE VENDA Irene Caires da Silva 1, Tamires Fernanda Costa de Jesus, Tiago Pinheiro 1 Docente da Universidade do Oeste Paulista UNOESTE. 2 Discente

Leia mais

Empresa como Sistema e seus Subsistemas. Professora Cintia Caetano

Empresa como Sistema e seus Subsistemas. Professora Cintia Caetano Empresa como Sistema e seus Subsistemas Professora Cintia Caetano A empresa como um Sistema Aberto As organizações empresariais interagem com o ambiente e a sociedade de maneira completa. Uma empresa é

Leia mais

Implementação de estratégias

Implementação de estratégias Etapa 1 Etapa 2 Etapa 3 Etapa 4 Etapa 5 Disciplina Gestão Estratégica e Serviços 7º Período Administração 2013/2 Implementação de estratégias Agenda: Implementação de Estratégias Visão Corporativa sobre

Leia mais

MATRIZ SWOT VANTAGENS DE SUA UTILIZAÇÃO NO COMÉRCIO VAREJISTA

MATRIZ SWOT VANTAGENS DE SUA UTILIZAÇÃO NO COMÉRCIO VAREJISTA MATRIZ SWOT VANTAGENS DE SUA UTILIZAÇÃO NO COMÉRCIO VAREJISTA Daniela Vaz Munhê 1 Jenifer Oliveira Custódio Camara 1 Luana Stefani 1 Murilo Henrique de Paula 1 Claudinei Novelli 2 Cátia Roberta Guillardi

Leia mais

Passo 1 - Faça um diagnóstico da comunicação

Passo 1 - Faça um diagnóstico da comunicação Manual Como elaborar uma estratégia de comunicação Índice Introdução Passo 1 - Faça um diagnóstico da comunicação. Passo 2 - Defina os alvos da comunicação Passo 3 - Estabeleça os objetivos da comunicação

Leia mais

Unidade IV. Gerenciamento de Produtos, Serviços e Marcas. Prof a. Daniela Menezes

Unidade IV. Gerenciamento de Produtos, Serviços e Marcas. Prof a. Daniela Menezes Unidade IV Gerenciamento de Produtos, Serviços e Marcas Prof a. Daniela Menezes Tipos de Mercado Os mercados podem ser divididos em mercado de consumo e mercado organizacional. Mercado de consumo: o consumidor

Leia mais

CAPACITAÇÃO EM SERVIÇO

CAPACITAÇÃO EM SERVIÇO CAPACITAÇÃO EM SERVIÇO TEMA: ELABORAÇÃO DE PROJETOS COM FOCO NA FAMÍLIA Março/2010 ELABORAÇÃO DE PROJETOS ELABOR-AÇÃO: palavra-latim-elabore preparar, formar,ordenar AÇÃO: atuação, ato PRO-JETOS: palavra-latim-projetus

Leia mais

E - Simulado 02 Questões de Tecnologia em Marketing

E - Simulado 02 Questões de Tecnologia em Marketing E - Simulado 02 Questões de Tecnologia em Marketing Questão 01: (ENADE 2009): Um fabricante de sapatos pode usar a mesma marca em duas ou mais linhas de produtos com o objetivo de reduzir os custos de

Leia mais

Inteligência Competitiva

Inteligência Competitiva Inteligência Competitiva Prof. Patricia Silva psilva@univercidade.br Aula 6 Objetivos da aula 6 n Análise SWOT n Bibliografia: Estratégia de Marketing O C. Ferrell Cap. 4 Strenghts (forças), Weaknesses

Leia mais

O PROJETO DE PESQUISA. Prof. Angelo Augusto Frozza, M.Sc. http://about.me/tilfrozza

O PROJETO DE PESQUISA. Prof. Angelo Augusto Frozza, M.Sc. http://about.me/tilfrozza O PROJETO DE PESQUISA Prof. Angelo Augusto Frozza, M.Sc. http://about.me/tilfrozza ROTEIRO Escolher um tema de pesquisa Por onde começar? Ler para aprender Estrutura do Projeto de Pesquisa A Definição

Leia mais

Controle ou Acompanhamento Estratégico

Controle ou Acompanhamento Estratégico 1 Universidade Paulista UNIP ICSC Instituto de Ciências Sociais e Comunicação Cursos de Administração Apostila 9 Controle ou Acompanhamento Estratégico A implementação bem sucedida da estratégia requer

Leia mais

Planejamento de Marketing.

Planejamento de Marketing. Planejamento de Marketing. Análise de Mercado Identificação de Riscos e Oportunidades Segmentação de mercado; Seleção de mercado alvo Objetivos de Marketing Estratégia de diferenciação de produto Estratégia

Leia mais

Mesmo em uma construtora de menor porte, o processo de gestão pode ser bastante complexo. Este guia traz dicas de gerenciamento para atingir os

Mesmo em uma construtora de menor porte, o processo de gestão pode ser bastante complexo. Este guia traz dicas de gerenciamento para atingir os Mesmo em uma construtora de menor porte, o processo de gestão pode ser bastante complexo. Este guia traz dicas de gerenciamento para atingir os melhores resultados. 2 ÍNDICE SOBRE O SIENGE INTRODUÇÃO 01

Leia mais

Conteúdo. 1. Origens e Surgimento. Origens e Surgimento

Conteúdo. 1. Origens e Surgimento. Origens e Surgimento 1 2 Planejamento Estratégico: conceitos e evolução; administração e pensamento estratégico Profª Ms Simone Carvalho simonecarvalho@usp.br Profa. Ms. Simone Carvalho Conteúdo 3 1. Origens e Surgimento 4

Leia mais

Comunicação Integrada de marketing.

Comunicação Integrada de marketing. Comunicação Integrada de marketing. - COMPOSTO DE COMUNICAÇÃO - 4 A s - 4 C s Comunicação: é a transmissão de uma mensagem de um emissor para um receptor, de modo que ambos a entendam da mesma maneira.

Leia mais

MARKETING II. Comunicação Integrada de Marketing

MARKETING II. Comunicação Integrada de Marketing CENTRO UNIVERSITÁRIO FRANCISCANO CIÊNCIAS SOCIAIS CURSO DE ADMINISTRAÇÃO MARKETING II Comunicação Integrada de Marketing Profª: Michele Freitas Santa Maria, 2012. O que é comunicação integrada? É o desenvolvimento

Leia mais

OS NEGÓCIOS LUCRO = VOLUME PRODUZIDO X PREÇO - CUSTO

OS NEGÓCIOS LUCRO = VOLUME PRODUZIDO X PREÇO - CUSTO OS NEGÓCIOS Odilio Sepulcri* INTRODUÇÃO A sobrevivência dos negócios, dentre outros fatores, se dará pela sua capacidade de gerar lucro. O lucro, para um determinado produto, independente da forma como

Leia mais

GESTÃO ESTRATÉGICA DE MARKETING

GESTÃO ESTRATÉGICA DE MARKETING GESTÃO ESTRATÉGICA DE MARKETING PÓS-GRADUAÇÃO / FIB-2009 Prof. Paulo Neto O QUE É MARKETING? Marketing: palavra em inglês derivada de market que significa: mercado. Entende-se que a empresa que pratica

Leia mais

ANALISANDO UM ESTUDO DE CASO

ANALISANDO UM ESTUDO DE CASO ANALISANDO UM ESTUDO DE CASO (Extraído e traduzido do livro de HILL, Charles; JONES, Gareth. Strategic Management: an integrated approach, Apêndice A3. Boston: Houghton Mifflin Company, 1998.) O propósito

Leia mais

INOVAÇÃO NA ADVOCACIA A ESTRATÉGIA DO OCEANO AZUL NOS ESCRITÓRIOS JURÍDICOS

INOVAÇÃO NA ADVOCACIA A ESTRATÉGIA DO OCEANO AZUL NOS ESCRITÓRIOS JURÍDICOS INOVAÇÃO NA ADVOCACIA A ESTRATÉGIA DO OCEANO AZUL NOS ESCRITÓRIOS JURÍDICOS Ari Lima Um empreendimento comercial tem duas e só duas funções básicas: marketing e inovação. O resto são custos. Peter Drucker

Leia mais

ANEXO II DOS TERMOS DE REFERÊNCIA

ANEXO II DOS TERMOS DE REFERÊNCIA ANEXO II DOS TERMOS DE REFERÊNCIA GLOSSÁRIO DE TERMOS DO MARCO ANALÍTICO Avaliação de Projetos de Cooperação Sul-Sul: exercício fundamental que pretende (i ) aferir a eficácia, a eficiência e o potencial

Leia mais

RETORNO EM EDUCAÇÃO CORPORATIVA DEVE SER MENSURADO

RETORNO EM EDUCAÇÃO CORPORATIVA DEVE SER MENSURADO RETORNO EM EDUCAÇÃO CORPORATIVA DEVE SER MENSURADO Apesar de as empresas brasileiras estarem despertando para o valor das ações de educação corporativa em prol dos seus negócios, muitos gestores ainda

Leia mais

5 Conclusões 5.1. Síntese do estudo

5 Conclusões 5.1. Síntese do estudo 5 Conclusões 5.1. Síntese do estudo Este estudo teve como objetivo contribuir para a compreensão do uso das mídias sociais, como principal ferramenta de marketing da Casar é Fácil, desde o momento da sua

Leia mais

Mídias sociais como apoio aos negócios B2C

Mídias sociais como apoio aos negócios B2C Mídias sociais como apoio aos negócios B2C A tecnologia e a informação caminham paralelas à globalização. No mercado atual é simples interagir, aproximar pessoas, expandir e aperfeiçoar os negócios dentro

Leia mais

UNIVERSIDADE PAULISTA

UNIVERSIDADE PAULISTA UNIVERSIDADE PAULISTA CURSO SUPERIOR DE TECNOLOGIA Projeto Integrado Multidisciplinar III e IV Recursos Humanos Manual de orientações - PIM Curso Superior de Tecnologia em Gestão de Recursos Humanos 1.

Leia mais

FACULDADE ANHANGUERA DE ITAPECERICA DA SERRA

FACULDADE ANHANGUERA DE ITAPECERICA DA SERRA FACULDADE ANHANGUERA DE ITAPECERICA DA SERRA Profº Paulo Barreto Paulo.santosi9@aedu.com www.paulobarretoi9consultoria.com.br 1 DO MARKETING À COMUNICAÇÃO Conceitualmente, Marketing é definido por Kotler

Leia mais

Administração de Pessoas por COMPETÊNCIAS

Administração de Pessoas por COMPETÊNCIAS Administração de Pessoas por COMPETÊNCIAS Adm.Walter Lerner 1.Gestão,Competência e Liderança 1.1.Competências de Gestão Competências Humanas e Empresariais são Essenciais Todas as pessoas estão, indistintamente,

Leia mais

SAM GERENCIAMENTO DE ATIVOS DE SOFTWARE

SAM GERENCIAMENTO DE ATIVOS DE SOFTWARE SAM GERENCIAMENTO DE ATIVOS DE SOFTWARE Modelo de Otimização de SAM Controle, otimize, cresça Em um mercado internacional em constante mudança, as empresas buscam oportunidades de ganhar vantagem competitiva

Leia mais

FUNDAMENTOS PARA A ADMINISTRAÇÃO ESTRATÉGICA

FUNDAMENTOS PARA A ADMINISTRAÇÃO ESTRATÉGICA FUNDAMENTOS PARA A ADMINISTRAÇÃO ESTRATÉGICA Abordagem da estratégia Análise de áreas mais específicas da administração estratégica e examina três das principais áreas funcionais das organizações: marketing,

Leia mais

O executivo ou especialista na área de marketing deve identificar três níveis de sistemas:

O executivo ou especialista na área de marketing deve identificar três níveis de sistemas: PLANEJAMENTO ESTRATÉGICO EAD MÓDULO IV A EMPRESA COMO SISTEMA Para o estudioso na área de marketing trabalhar melhor o planejamento nas organizações, ele precisa conhecer a empresa na sua totalidade e

Leia mais

Empreendedorismo de Negócios com Informática

Empreendedorismo de Negócios com Informática Empreendedorismo de Negócios com Informática Aula 5 Cultura Organizacional para Inovação Empreendedorismo de Negócios com Informática - Cultura Organizacional para Inovação 1 Conteúdo Intraempreendedorismo

Leia mais

FTAD Formação Técnica em Administração de Empresas Módulo de Planejamento Prof.º Fábio Diniz

FTAD Formação Técnica em Administração de Empresas Módulo de Planejamento Prof.º Fábio Diniz FTAD Formação Técnica em Administração de Empresas Módulo de Planejamento Prof.º Fábio Diniz COMPETÊNCIAS A SEREM DESENVOLVIDAS CONHECER A ELABORAÇÃO, CARACTERÍSTICAS E FUNCIONALIDADES UM PLANO DE NEGÓCIOS.

Leia mais

Sua hora chegou. Faça a sua jogada. REGULAMENTO

Sua hora chegou. Faça a sua jogada. REGULAMENTO Sua hora chegou. Faça a sua jogada. REGULAMENTO Prêmio de Empreendedorismo James McGuire 2013 REGULAMENTO Prêmio de Empreendedorismo James McGuire 2013 é uma competição interna da Laureate International

Leia mais

GESTÃO DE PROJETOS PARA A INOVAÇÃO

GESTÃO DE PROJETOS PARA A INOVAÇÃO GESTÃO DE PROJETOS PARA A INOVAÇÃO Indicadores e Diagnóstico para a Inovação Primeiro passo para implantar um sistema de gestão nas empresas é fazer um diagnóstico da organização; Diagnóstico mapa n-dimensional

Leia mais

2012 Copyright. Curso Agora Eu Passo - Todos os direitos reservados ao autor. Tribunais Gestão de Pessoas Questões Giovanna Carranza

2012 Copyright. Curso Agora Eu Passo - Todos os direitos reservados ao autor. Tribunais Gestão de Pessoas Questões Giovanna Carranza 2012 Copyright. Curso Agora Eu Passo - Todos os direitos reservados ao autor. Tribunais Gestão de Pessoas Questões Giovanna Carranza 01. Conceitualmente, recrutamento é: (A) Um conjunto de técnicas e procedimentos

Leia mais

UNIDADE 5 A estrutura de um Plano de Negócios

UNIDADE 5 A estrutura de um Plano de Negócios UNIDADE 5 A estrutura de um Plano de Negócios É evidente a importância de um bom plano de negócios para o empreendedor, mas ainda existem algumas questões a serem respondidas, por exemplo: Como desenvolver

Leia mais

Unidade de Projetos. Grupo Temático de Comunicação e Imagem. Termo de Referência para desenvolvimento da gestão de Marcas Setoriais.

Unidade de Projetos. Grupo Temático de Comunicação e Imagem. Termo de Referência para desenvolvimento da gestão de Marcas Setoriais. Unidade de Projetos de Termo de Referência para desenvolvimento da gestão de Marcas Setoriais Branding Agosto de 2009 Elaborado em: 3/8/2009 Elaborado por: Apex-Brasil Versão: 09 Pág: 1 / 8 LÍDER DO GRUPO

Leia mais

COMPOSTO DE MARKETING NA ABORDAGEM DAS UNIDADES DE INFORMAÇÃO

COMPOSTO DE MARKETING NA ABORDAGEM DAS UNIDADES DE INFORMAÇÃO COMPOSTO DE MARKETING NA ABORDAGEM DAS UNIDADES DE INFORMAÇÃO CALDAS, Rosângela Formentini Departamento de Ciência da Informação UNESP/Marília A definição de marketing ainda permanece enquanto uma discussão

Leia mais

Orientações para elaborar um. Plano de Negócios

Orientações para elaborar um. Plano de Negócios Orientações para elaborar um Plano de Negócios Maio de 2010 www.nascente.cefetmg.br Página 1 Apresentação Este documento contém um roteiro básico de Plano de Negócios. O objetivo é permitir que o futuro

Leia mais

O desafio da liderança: Avaliação, Desenvolvimento e Sucessão

O desafio da liderança: Avaliação, Desenvolvimento e Sucessão O desafio da liderança: Avaliação, Desenvolvimento e Sucessão Esse artigo tem como objetivo apresentar estratégias para assegurar uma equipe eficiente em cargos de liderança, mantendo um ciclo virtuoso

Leia mais

Sistemas Empresariais. Capítulo 3: Sistemas de Negócios. Colaboração SPT SIG

Sistemas Empresariais. Capítulo 3: Sistemas de Negócios. Colaboração SPT SIG Capítulo 3: Sistemas de Negócios Colaboração SPT SIG Objetivos do Capítulo Explicar como os SI empresariais podem apoiar as necessidades de informação de executivos, gerentes e profissionais de empresas.

Leia mais

Colaboração nas Empresas SPT SIG Aplicações Empresariais

Colaboração nas Empresas SPT SIG Aplicações Empresariais Capítulo 3: Sistemas de Apoio Gerenciais Colaboração nas Empresas SPT SIG Aplicações Empresariais Objetivos do Capítulo Explicar como os SI empresariais podem apoiar as necessidades de informação de executivos,

Leia mais

FLUXO DE CAIXA COMO FERRAMENTA DE GESTÃO FINANCEIRA PARA MICROEMPRESA

FLUXO DE CAIXA COMO FERRAMENTA DE GESTÃO FINANCEIRA PARA MICROEMPRESA FLUXO DE CAIXA COMO FERRAMENTA DE GESTÃO FINANCEIRA PARA MICROEMPRESA Laércio Dahmer 1 Vandersézar Casturino2 Resumo O atual mercado competitivo tem evidenciado as dificuldades financeiras da microempresa.

Leia mais

Aula 7: TREINAMENTO E DESENVOLVIMENTO

Aula 7: TREINAMENTO E DESENVOLVIMENTO Aula 7: TREINAMENTO E DESENVOLVIMENTO OBJETIVOS Definir com maior precisão o que é marketing; Demonstrar as diferenças existentes entre marketing externo, marketing interno e marketing de treinamento;

Leia mais