1. CÓDIGO DE ÉTICA DIRETRIZES GERAIS

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "1. CÓDIGO DE ÉTICA DIRETRIZES GERAIS"

Transcrição

1 1 1. CÓDIGO DE ÉTICA A Fike Latina Ltda. introduz a partir de 2008 nosso código de conduta que estabelece os princípios éticos e normas de conduta que devem orientar as relações internas e externas de nossos colaboradores, independentemente das suas atribuições e responsabilidades. Nossa reputação e nossa credibilidade são os ativos mais importantes de que dispomos, e os princípios éticos que orientam nossa atuação como empresa sólida e confiável perante nossos clientes, fornecedores e mercados em que atuamos. Por princípios básicos, a integridade, independência e liberdade de expressão são sempre incentivados na Fike. A observância do Código de Conduta por parte de cada um dos colaboradores reafirma nossos objetivos mais importantes, que é manter e consolidar a reputação da Fike. Este Código de Conduta é aplicado a todos colaboradores com vínculo empregatício com a Fike. DIRETRIZES GERAIS 1. Relacionamento com os Colaboradores O critério para admissão e promoção será o atendimento aos requisitos básicos de cada função, em conformidade com critérios e objetivos predeterminados. Não haverá discriminação por religião, convicção filosófica ou política, nacionalidade, origem, sexo, idade, cor, preferência sexual, estado civil ou deficiência física ou mental. 2. Conduta dos Colaboradores Os colaboradores da Fike, no exercício de suas funções, devem observar o cuidado e a diligência que qualquer pessoa costuma empregar em seus assuntos pessoais, ou seja, uma conduta honesta e digna, em conformidade com as leis e os padrões éticos da sociedade. A Fike quer que todos os assuntos da empresa, sem exceção, sejam tratados com sigilo e confidencialidade. Haverá investigação pronta e rigorosamente de todos os fatos que envolvam suspeita de fraude, furto, roubo, registros contábeis errados, apropriação indébita ou qualquer outro crime, contravenção penal ou ilícito, bem como atos que se desviem dos procedimentos corporativos estabelecidos pela Fike. 3. Ambiente de Trabalho Nas relações entre colaboradores, deverá prevalecer a cordialidade no trato, a confiança, o respeito, conduta digna e honesta, independentemente de qualquer posição hierárquica, cargo ou função. Caberá a cada colaborador da Fike garantir aos demais um ambiente de trabalho livre de insinuações ou restrições de qualquer natureza, evitando possíveis constrangimentos, sendo vedada a prática de hostilização e assédio sexual. Quaisquer condutas que possam caracterizar hostilização ou assédio sexual devem ser informadas a diretoria da empresa imediatamente. Se constatada a ocorrência, serão adotadas medidas disciplinares apropriadas contra os responsáveis. Visando, ainda, ao bem-estar, à segurança e à produtividade dos colaboradores, não serão permitidos, no ambiente de trabalho, a posse e/ou o consumo de drogas ilícitas e álcool, bem como o porte de armas, salvo por pessoas expressamente autorizadas, responsáveis pela segurança dos demais colaboradores e do patrimônio da empresa. A Fike não admite intrusão na vida privada dos colaboradores, dentro ou fora do ambiente de trabalho. 4. Responsabilidade na Condução dos Negócios Os Integrantes devem exercer suas atividades e conduzir os negócios da Fike com transparência e estrita observância à lei, aos princípios e as orientações da empresa. Os colaboradores da Fike são responsáveis pela adoção das providências cabíveis quando tiverem conhecimento de irregularidades praticadas por terceiros que possam comprometer o nome e os interesses da nossa empresa. Toda e qualquer operação

2 2 que envolva a Fike deve estar amparada pelos documentos apropriados revestidos de todas as formalidades legais. Todos os contratos somente serão assinados por Diretores estatutários, salvo expressa previsão de forma contrária. É expressamente vedada a assinatura de contratos de qualquer natureza sem a respectiva avaliação e rubrica de um Responsável Jurídico. 4.1 Responsabilidade dos Colaboradores É obrigação de todo colaborador conhecer e praticar as disposições deste Código de Conduta. Aos colaboradores também caberá, dentro das suas atribuições, a preservação do nome e da imagem da Fike. 4.2 Responsabilidade dos Líderes Os Líderes, especialmente pela dedicação do seu tempo, de sua presença, de sua experiência e, sobretudo, pelo seu exemplo, têm a obrigação de contribuir para que seus Liderados e demais colaboradores cumpram integralmente este Código de Conduta, devendo: a) Divulgar aos seus Liderados o conteúdo deste Código de Conduta e conscientizá-los sobre sua necessidade e observância, evitando, assim, que qualquer colaborador, prestador de serviço ou colaborador cometa uma violação por falta de informação; b) Identificar os colaboradores que tenham violado este Código de Conduta e discutir o assunto com a diretoria da Fike; c) Criar uma cultura que gere a observância deste Código de Conduta e incentivar os colaboradores a apresentar dúvidas e preocupações com relação à sua aplicação. 5. Relações Comerciais Os colaboradores da Fike devem conduzir as relações comerciais em observância às leis, às práticas legais de mercado, e, em especial, às normas nacionais e internacionais relativas à ordem econômica e defesa da concorrência. É expressamente vedado a todos colaboradores da Fike efetuar quaisquer pagamentos impróprios, duvidosos ou ilegais, ou favorecer, pela concessão de benefícios indevidos, fora das práticas usuais do comércio, Clientes e Fornecedores, em detrimento dos demais, bem como fazer pagamentos ou conceder privilégios ou vantagens a funcionários públicos ou equiparados, seja diretamente, seja por terceiros. 5.1 Relação com Clientes A Fike tem compromisso de contribuir no processo de criação de valor de seus clientes, por meio do atendimento de suas expectativas e do desenvolvimento de soluções inovadoras. O Cliente satisfeito é o fundamento da existência da Fike. Portanto, é princípio básico da ação empresarial da Fike servir ao Cliente, com ênfase na qualidade, na produtividade e na inovação, com responsabilidade social, comunitária e ambiental, e com pleno respeito às leis e regulamentos de cada produto e na região em que atuam. Os Clientes devem ser atendidos com cortesia e eficiência, sendo-lhes oferecidas informações claras, precisas e transparentes. O Cliente deve obter respostas, ainda que negativas, às suas solicitações, de forma adequada e no prazo esperado. Despesas com Clientes relacionadas a refeições, transporte, estada ou entretenimento são aceitáveis desde que justificadas por motivo de trabalho ou cortesia normal de negócios, realizadas dentro dos limites razoáveis e que não impliquem constrangimento nem necessidade de retribuições. 5.2 Relação com Fornecedores A relação com Fornecedor deve ser duradoura, sem prejuízo dos princípios da livre iniciativa e da lealdade na concorrência. A escolha e a contratação de Fornecedores devem ser baseadas em critérios técnicos, profissionais e éticos. Devem ser conduzidas por meio de processo objetivo predeterminado, tal concorrência ou cotação de preços, que garantam a melhor custo-benefício. 5.3 Relação com Concorrentes A Fike deve manter competitividade de seus produtos, fabricados e/ou comercializados, com base na concorrência livre e leal. Não devem ser feitas declarações, verbais ou escritas, que possam afetar a

3 3 imagem dos concorrentes ou contribuir para divulgação de boatos sobre eles, devendo o concorrente ser tratado com o respeito com que a Fike espera ser tratada. É expressamente proibido fornecer informações estratégicas, confidenciais ou, sob qualquer outra forma, prejudiciais aos negócios da Fike a quaisquer terceiros, incluindo, mas não se limitando, aos concorrentes. É vedado a qualquer colaborador manter entendimentos com concorrente(s) visando fixação de preços e condições de venda; adotar ou influenciar a adoção de conduta comercial uniforme ou pré-acordada; dividir mercados, e subordinar a venda de um produto a um outro. 5.4 Relação com Familiares Entende-se por familiares o cônjuge, pais, irmãos, filhos, tios, sobrinhos e primos até 2 grau, inclusive os do cônjuge. Caso um colaborador deseje realizar negócios em nome da Fike com seus familiares, ou com pessoa de estreito relacionamento pessoal, ou mesmo com empresas em que tais pessoas sejam sócias, possuam participação relevante, ou exerçam algum cargo de administração, esse colaborador deverá obter permissão, por escrito, do seu Líder, a quem caberá discutir o assunto com a diretoria da Fike. Os negócios acima mencionados deverão respeitar, rigorosamente, os princípios de isenção e transparência, da ética, da competitividade e da inexistência de conflitos de interesse Relação com o Poder Público É expressamente vedado a todos colaboradores da Fike oferecer presentes ou benefícios a funcionários públicos, seus familiares ou equiparados, seja diretamente ou por terceiros. 6. Liberdades Os colaboradores da Fike e seus familiares não devem dar ou aceitar presentes ou favores de Clientes, Fornecedores ou concorrentes. Presentes ou favores recebidos por meio de relações comerciais devem ser comunicados a diretoria da Fike, e, caso reprovados, devolvidos a quem os ofertou, acompanhados de agradecimentos e justificativas pertinentes. 7. Conflito de Interesses O conflito de interesse ocorre quando um colaborador influencia ou possa influenciar uma decisão da Fike que resulte ou possa resultar em algum ganho pessoal, direto ou indireto, para si, membros da sua família ou amigos. Os colaboradores devem zelar para que suas ações não conflitem com os interesses da Fike, nem causem dano à sua imagem e reputação. Apenas como exemplo, estão listadas abaixo algumas situações que caracterizam conflito de interesse: Ter interesse pessoal que possa afetar a capacidade de avaliação de um negócio de interesse da Fike; Dispor de informações confidenciais que, se utilizadas, possam trazer vantagem pessoal; Aceitar benefícios, diretos ou indiretos, que possam ser interpretados como retribuição ou para obter posição favorável da Fike em negócios de interesse de terceiros; Aceitar tarefa ou responsabilidade externa que afete o seu desempenho na Fike; Utilizar recurso da Fike para atender a interesses particulares; Manter relações comerciais privadas pelas quais venha a obter privilégios, em razão das suas atribuições na Fike, com empresas Clientes, Fornecedoras, prestadoras de serviços ou concorrentes; Contratar familiares, ou solicitar que outro colaborador o faça, fora dos princípios estabelecidos de competência e potencial. O colaborador que for colocado em qualquer situação de conflito de interesse deve prontamente comunicar o ocorrido ao seu Líder, que poderá resolver a questão ou discutir o assunto com o seu respectivo Líder ou com a diretoria da Fike. 8. Atividades Fora da Fike

4 4 Os colaboradores da Fike não devem exercer atividades ou se engajar em organizações que comprometam sua dedicação à empresa, nem adotar comportamento que gere conflito de interesse com suas responsabilidades e atribuições, ou ainda atuar em qualquer outro segmento cujas atribuições possam, de alguma forma, comprometer a integridade, confidencialidade e segurança da Fike. 9. Confidencialidade de Informações e Propriedade Intelectual A Fike mantém um compromisso de sigilo e confidencialidade descrito em documento próprio. Todo colaborador da Fike deve comprometer-se em cumpri-lo rigorosamente e para assegurar este comprometimento, todos colaboradores devem assiná-lo no momento de sua contratação. O resultado do trabalho de natureza intelectual e de informações estratégicas, gerados na empresa, é de propriedade exclusiva da Fike. O colaborador é responsável por tratar de forma confidencial as informações sobre a propriedade intelectual a que tenha acesso em decorrência de seu trabalho, utilizando-as de forma cuidadosa. Não é permitida a divulgação dessas informações sem a autorização expressa da direção da empresa. Informações confidenciais em resposta a pedidos legítimos de autoridades governamentais podem ser fornecidas apenas após considerar se elas serão tratadas confidencialmente e após tomar as medidas adequadas à proteção de sua confidencialidade, 10. Atividades Políticas A Fike não fará restrições às atividades político-partidárias de seus Integrantes. No entanto, os mesmos deverão agir sempre em caráter pessoal e de forma a não interferir em suas responsabilidades profissionais. É terminantemente proibido o exercício de atividades político-partidárias no ambiente de trabalho e que envolvam, sob qualquer forma, recursos da Fike. Os Integrantes tampouco poderão usar uniformes da empresa quando no exercício de atividades políticas. É terminantemente proibida à veiculação de qualquer forma de propaganda política nas instalações, veículos, publicações ou qualquer outra propriedade da Fike. O Integrante que participar de atividade política o faz como cidadão, e não como representante da Fike. 11. Utilização e Preservação dos Bens da Fike Cabe aos colaboradores zelar pela conservação dos ativos da Fike, que compreendem instalações, máquinas, equipamentos, móveis, veículos, valores e outros. Não é permitido utilizar equipamentos e outros bens da Fike para uso particular. O acesso à internet e ao telefone, bem como o uso de s, software e hardware devem ser restritos à atividade profissional do colaborador, observadas as demais disposições estabelecidas em políticas, regulamentos ou orientações da Fike. Os colaboradores não estão autorizados a usar o endereço da Fike para recebimento de correspondências particulares, exceto nos casos autorizados. O colaborador não deve possibilitar o acesso de pessoas não autorizadas aos sistemas informatizados da Fike por meio de utilização de sua senha pessoal. Softwares protegidos por direitos autorais, desenvolvidos internamente e/ou por contratos de licenciamento, não devem ser copiados, a menos que o detentor dos direitos autorais ou da licença dê, especificamente, permissão para tanto. Da mesma forma, é proibida a instalação de programas nos computadores da empresa que não tenham sido autorizados pelas áreas competentes 12. Porta-Vozes da Fike Apenas determinados colaboradores autorizados pela diretoria da Fike estão autorizados a falar em nome da Fike e fazer comentários sobre ela à imprensa ou a grupos externos. Tal autorização será sempre expressa e por escrito. O colaborador não deve promover a divulgação de informações sigilosas ou inverídicas na imprensa. O contato com profissionais da imprensa não deve ser tratado, em hipótese alguma, como um relacionamento comercial portanto, não envolve pagamentos de qualquer espécie ou favores. 13. Comunicação com o Mercado

5 5 A Fike realiza comunicação com o mercado no sentido de promover seus produtos e serviços, bem como informando a clientes, fornecedores e a sociedade sobre suas ações comerciais e sociais. Para tanto, a propaganda institucional e de produtos e serviços deve evitar exageros, arrogância, prepotência e preconceitos. Deve, também, assegurar a veracidade da informação veiculada. A Fike condena a publicidade enganosa. As iniciativas de marketing da Fike caracterizam-se por respeitar a legislação vigente, a ética e as normas de referência locais e internacionais. 14. Registros Contáveis Todas as transações financeiras e comerciais serão pronta e corretamente registradas nos livros e registros da empresa. O colaborador não deve fazer acordos financeiros não usuais com um cliente ou fornecedor, tais como superfaturamento ou subfaturamento. Os contratos nos quais a Fike toma parte devem ser escritos da forma mais precisa possível, não deixando margem para interpretações. "Cartas paralelas" ou "cartas de conforto" que não sejam anexas ao documento principal podem somente ser aceitas ou dadas com a assistência dos advogados da empresa. Todos os pagamentos e compromissos assumidos devem estar autorizados pelo nível hierárquico competente e respaldados por documentação legal. 15. Meio Ambiente O equilíbrio do meio ambiente e a preservação da natureza são de fundamental importância para a atividade empresarial da Fike. Assim sendo, cada colaborador é responsável para: Contribuir para a conservação e a melhoria do meio ambiente e de seus ecossistemas; Familiarizar-se com todas as políticas e procedimentos adotados pela Fike com relação ao meio ambiente; Identificar perigos, avaliar riscos e, sempre que possível, iniciar ações corretivas e preventivas, bem como levar o assunto ao conhecimento da administração; Informar imediatamente quaisquer acidentes e/ou incidentes relacionados a meio ambiente (exemplos: vazamentos e emissões não conformes) à diretoria da Fike, para possibilitar a investigação das causas e o início de medidas corretivas e preventivas e; Quando aplicável pela legislação local, informar imediatamente os acidentes e/ou incidentes às autoridades competentes. 16. Dúvidas As diretrizes deste Código permitem avaliar grande parte das situações e minimizar a subjetividade das interpretações pessoais sobre princípios morais e éticos, mas não detalham, necessariamente, todas as situações que podem surgir no dia-a-dia de cada colaborador. Assim, em caso de dúvidas na aplicação das diretrizes deste Código, o Líder da área ou a diretoria da Fike deverá ser consultado. 17. Violações É esperado que todos os colaboradores cumpram estas diretrizes em todas as circunstâncias. O colaborador que violar uma conduta, prática ou política da Fike, ou que permita que um Liderado o faça, estará sujeito à ação disciplinar, inclusive a de ser dispensado. O colaborador que tiver conhecimento de violação a qualquer aspecto deste Código, por parte de qualquer pessoa, deverá levar tal fato ao conhecimento do Líder da área ou a diretoria da Fike. Caso o colaborador queira manter o anonimato no relato da violação ao Código de Conduta, poderá utilizar outros meios de comunicação com a área de Auditoria Interna, tendo como ferramentas de apoio o correio eletrônico, bem como o envio de correspondência, em envelope fechado, endereçada à diretoria da Fike, sem a necessidade de identificação do remetente. Cabe ao Comitê de Ética e/ou a diretoria avaliar a necessidade ou não de uma investigação mais detalhada da violação. 18. Comitê de Ética

6 6 A Fike terá um Comitê de Ética, não permanente, ao qual caberá julgar os casos de violação de maior gravidade deste Código e impor as sanções disciplinares cabíveis, bem como deliberar sobre o esclarecimento de dúvidas com relação ao seu texto. O Comitê de Ética será composto por pelo menos 4 (quatro) membros: Diretor Executivo da Fike no Brasil Gerente departamental onde ocorreu o caso de violação Líder/Gerente departamental convidado pela diretoria Responsável Jurídico da Fike; Outras pessoas poderão participar do Comitê de Ética por solicitação da diretoria da Fike, ou em virtude da matéria tratada. O Comitê de Ética será convocado por solicitação da diretoria e deverá haver ata lavrada descrevendo o(s) caso(s) e decisões. 19. Disposições Gerais O presente Código de Conduta vigorará por tempo indeterminado cabendo ao Comitê de Ética promover a sua divulgação e a sua atualização. Serão levadas ao conhecimento de todos os colaboradores, Fornecedores e Consultores da Fike as diretrizes de conduta contidas neste Código. Áreas específicas da Fike poderão estabelecer políticas e regras de conduta próprias que necessariamente devem ser harmônicas a este Código de Conduta e que devem ser conhecidas pelos colaboradores de tais áreas. Nenhum colaborador pode alegar desconhecimento das diretrizes constantes do presente Código, em qualquer hipótese ou sob qualquer argumento.

1. OBJETIVO 2. APLICAÇÃO 3. DIRETRIZES GERAIS

1. OBJETIVO 2. APLICAÇÃO 3. DIRETRIZES GERAIS CÓDIGO DE CONDUTA 1 SUMÁRIO 1. OBJETIVO................................................ 04 2. APLICAÇÃO............................................... 05 3. DIRETRIZES GERAIS........................................

Leia mais

Aliança do Brasil. É assim que a gente faz. Código de Conduta Ética

Aliança do Brasil. É assim que a gente faz. Código de Conduta Ética Aliança do Brasil. É assim que a gente faz. Código de Conduta Ética SUMÁRIO CONCEITO OBJETIVO ABRANGÊNCIA PRINCÍPIOS DE RELACIONAMENTOS CONFLITOS DE INTERESSE CONFIDENCIALIDADE DAS INFORMAÇÕES PRESERVAÇÃO

Leia mais

Código de Conduta Ética

Código de Conduta Ética Código de Conduta Ética MENSAGEM DA DIRETORIA A todos os dirigentes e empregados A Companhia de Seguros Aliança do Brasil acredita no Respeito aos princípios éticos e à transparência de conduta com as

Leia mais

Código de Ética e Conduta

Código de Ética e Conduta Código de Ética e Conduta O Código de Ética e Conduta do ESA - Externato Santo Antônio estabelece o comportamento esperado de todos aqueles que trabalham na, para e com a instituição, e tem por objetivo

Leia mais

Introdução: Código de Conduta Corporativa

Introdução: Código de Conduta Corporativa Transporte Excelsior Ltda Código de Conduta Corporativa Introdução: A Transporte Excelsior através desse Código Corporativo de Conduta busca alinhar e apoiar o cumprimento de nossa Missão, Visão e Valores,

Leia mais

Esta é a tradução de um texto em inglês, cuja finalidade é apenas facilitar a sua compreensão. O texto do original em inglês regerá, em todos os

Esta é a tradução de um texto em inglês, cuja finalidade é apenas facilitar a sua compreensão. O texto do original em inglês regerá, em todos os Esta é a tradução de um texto em inglês, cuja finalidade é apenas facilitar a sua compreensão. O texto do original em inglês regerá, em todos os aspectos, os seus direitos e as suas obrigações. O original

Leia mais

CÓDIGO DE ÉTICA G UPO

CÓDIGO DE ÉTICA G UPO CÓDIGO DE ÉTICA G UPO 1 Sumário APRESENTAÇÃO... 2 1. APLICABILIDADE... 3 ESCLARECIMENTOS... 3 O COMITÊ DE ÉTICA... 3 ATRIBUIÇÕES DO COMITÊ... 3,4 2. ASSUNTOS INTERNOS... 4 OUVIDORIA... 4 PRECONCEITO...

Leia mais

CÓDIGO DE ÉTICA e CONDUTA GRUPO

CÓDIGO DE ÉTICA e CONDUTA GRUPO CÓDIGO DE ÉTICA e CONDUTA GRUPO invepar índice Apresentação Visão, Missão, Valores Objetivos Princípios Básicos Pág. 4 Pág. 6 Pág. 7 Pág. 8 Abrangência / Funcionários Empresas do Grupo Sociedade / Comunidade

Leia mais

Código de Conduta e Ética

Código de Conduta e Ética CÓDIGO DE CONDUTA E ÉTICA BC CONSULT Página 1 de 9 1. INTRODUÇÃO... 3 2. PRINCÍPIOS... 4 INTEGRIDADE... 4 DISCRIMINAÇÃO... 4 CONFLITO DE INTERESSE... 4 CONFIDENCIALIDADE DE INFORMAÇÕES... 5 PROTEÇÃO AO

Leia mais

Código. de Conduta do Fornecedor

Código. de Conduta do Fornecedor Código de Conduta do Fornecedor 03/2014 Índice 1. Considerações... 03 2. Decisões... 04 3. Diretrizes... 05 3.1. Quanto à Integridade nos Negócios... 05 3.2. Quanto aos Direitos Humanos Universais... 06

Leia mais

Código de Ética. SPL Consultoria e Informática Ltda.

Código de Ética. SPL Consultoria e Informática Ltda. Código de Ética SPL Consultoria e Informática Ltda. Introdução Segundo o dicionário Aurélio ética é o estudo dos juízos de apreciação que se referem à conduta humana suscetível de qualificação do ponto

Leia mais

NORMAS DE CONDUTA. Apresentação

NORMAS DE CONDUTA. Apresentação NORMAS DE CONDUTA Apresentação Adequando-se às melhores práticas de Governança Corporativa, a TITO está definindo e formalizando as suas normas de conduta ( Normas ). Estas estabelecem as relações, comportamentos

Leia mais

Código de Ética e Conduta do grupo Invepar

Código de Ética e Conduta do grupo Invepar Código de Ética e Conduta do grupo Invepar Edição: agosto/2014 1 ÍNDICE Visão, Missão e Valores 6 Fornecedores e prestadores de serviço 14 Objetivos 7 Brindes, presentes e entretenimento 15 Princípios

Leia mais

CÓDIGO DE ÉTICA. Introdução.

CÓDIGO DE ÉTICA. Introdução. CÓDIGO DE ÉTICA Introdução. Os princípios Éticos que formam a consciência e fundamentam nossa imagem no segmento de recuperação de crédito e Call Center na conduta de nossa imagem sólida e confiável. Este

Leia mais

Engenharia e Consultoria CÓDIGO DE ÉTICA

Engenharia e Consultoria CÓDIGO DE ÉTICA CÓDIGO DE ÉTICA SUMÁRIO APRESENTAÇÃO COLABORADORES Princípios éticos funcionais Emprego e Ambiente de trabalho Conflito de interesses Segredos e informações comerciais SEGURANÇA, SAÚDE E MEIO AMBIENTE

Leia mais

Raul Anselmo Randon Presidente do Conselho de Administração das Empresas Randon

Raul Anselmo Randon Presidente do Conselho de Administração das Empresas Randon Palavra do Presidente É com satisfação que editamos o Guia de Conduta Ética das Empresas Randon, um instrumento de comunicação que traduz os nossos valores e dá as diretrizes para as nossas ações profissionais,

Leia mais

Identidade Organizacional. Prezado,

Identidade Organizacional. Prezado, Prezado, Apresentamos a todos os colaboradores, o Código de Conduta da Bolt Transportes, que foi minuciosamente elaborado de acordo com os valores que acreditamos ser essenciais para o um bom relacionamento

Leia mais

Princípios Gerais para a Prevenção dos Riscos Penais Endesa Brasil

Princípios Gerais para a Prevenção dos Riscos Penais Endesa Brasil Princípios Gerais para a Prevenção dos Riscos Penais Endesa Brasil Introdução 5 INTRODUÇÃO A seguir, são descritos os comportamentos e princípios gerais de atuação esperados dos Colaboradores da Endesa

Leia mais

CÓDIGO DE ÉTICA RESPONSABILIDADE DA EMPRESA

CÓDIGO DE ÉTICA RESPONSABILIDADE DA EMPRESA A Alvarez & Muniz Engenheiros Associados Ltda. vêm através deste Código de Ética valorizar a conduta correta de seus colaboradores e tentar reprimir ações ilícitas e comportamentos danosos que possam dificultar

Leia mais

POLÍTICA CORPORATIVA Código PC.00.001. PRESIDÊNCIA Revisão 00

POLÍTICA CORPORATIVA Código PC.00.001. PRESIDÊNCIA Revisão 00 Páginas 1/8 1. OBJETIVO O Código de Ética é um conjunto de diretrizes e regras de atuação, que define como os empregados e contratados da AQCES devem agir em diferentes situações no que diz respeito à

Leia mais

Este Código de Conduta Ética foi impresso em papel couché, com tiragem de 1500 exemplares, em português.

Este Código de Conduta Ética foi impresso em papel couché, com tiragem de 1500 exemplares, em português. Este Código de Conduta Ética foi impresso em papel couché, com tiragem de 1500 exemplares, em português. Esta publicação é distribuída para os colaboradores da Recuperadora Sales Gama Ltda e seu público

Leia mais

MANUAL DE CONDUTA I INTRODUÇÃO:

MANUAL DE CONDUTA I INTRODUÇÃO: MANUAL DE CONDUTA I INTRODUÇÃO: A SKOPOS, em razão das atividades desenvolvidas, está sujeita a rigoroso controle de suas operações pela Comissão de Valores Mobiliários e demais órgãos reguladores do mercado

Leia mais

CÓDIGO DE CONDUTA E ÉTICA

CÓDIGO DE CONDUTA E ÉTICA CÓDIGO DE CONDUTA E ÉTICA SUMÁRIO 1 ÉTICA...03 2 APRESENTAÇÃO...04 3 APLICAÇÃO...05 4 FINALIDADES...06 5 DEFINIÇÕES...07 6 CULTURA ORGANIZACIONAL...08 6.1 MISSÃO...08 6.2 VISÃO...08 6.3 VALORES...08 6.4

Leia mais

Código de Conduta Ética

Código de Conduta Ética Código de Conduta Ética MENSAGEM DO PRESIDENTE O Código de Conduta Ética das Empresas Concremat contempla os princípios que devem estar presentes nas relações da empresa com seus colaboradores, clientes,

Leia mais

Índice. Missão, Visão, Valores e Princípios Objetivo Aplicabilidade Organização Interna Relacionamento Externo

Índice. Missão, Visão, Valores e Princípios Objetivo Aplicabilidade Organização Interna Relacionamento Externo Código de Conduta Índice Missão, Visão, Valores e Princípios Objetivo Aplicabilidade Organização Interna Relacionamento Externo 3 4 5 6 9 Missão, Visão, Valores e Princípios Missão Visão Princípios Valores

Leia mais

CÓDIGO DE ÉTICA 1ª Edição Fevereiro 2013

CÓDIGO DE ÉTICA 1ª Edição Fevereiro 2013 CÓDIGO DE ÉTICA 1ª Edição Fevereiro 2013 Se surgirem dúvidas sobre a prática dos princípios éticos ou desvios de condutas, não hesite em contatar o seu superior ou o Comitê de Ética. SUMÁRIO O CÓDIGO DE

Leia mais

[CÓDIGO DE ÉTICA] Interinvest

[CÓDIGO DE ÉTICA] Interinvest [CÓDIGO DE ÉTICA] Este documento determina as práticas, padrões éticos e regras a serem seguidos pelos colaboradores, fornecedores e a todos aqueles que, direta ou indiretamente, se relacionem com a Interinvest.

Leia mais

CÓDIGO DE ÉTICA E CONDUTA DA LOGZ LOGÍSTICA BRASIL S.A.

CÓDIGO DE ÉTICA E CONDUTA DA LOGZ LOGÍSTICA BRASIL S.A. APRESENTAÇÃO A LOGZ Logística Brasil S.A. (a Companhia ou LOGZ ) é uma sociedade holding consolidadora de participações em ativos logísticos e tem como objetivo a expansão de suas atividades possibilitando

Leia mais

CÓDIGO RIP DE CONDUTA EMPRESARIAL O CÓDIGO RIP DE CONDUTA EMPRESARIAL

CÓDIGO RIP DE CONDUTA EMPRESARIAL O CÓDIGO RIP DE CONDUTA EMPRESARIAL CÓDIGO RIP DE CONDUTA EMPRESARIAL O CÓDIGO RIP DE CONDUTA EMPRESARIAL Março de 2015 1ª edição MENSAGEM DO PRESIDENTE O Código de Conduta da RIP ( Código ) é a declaração formal das expectativas que servem

Leia mais

Pacto Global da ONU MEIO AMBIENTE, que são derivados da Declaração do Rio Sobre Meio Ambiente e Desenvolvimento:

Pacto Global da ONU MEIO AMBIENTE, que são derivados da Declaração do Rio Sobre Meio Ambiente e Desenvolvimento: O Código de Ética e Conduta da G.C. Global Catering reflete o compromisso de alcançar os objetivos empresariais com responsabilidade social, valorizando seu relacionamento com empregados, clientes e fornecedores,

Leia mais

CÓDIGO DE CONDUTA E ÉTICA

CÓDIGO DE CONDUTA E ÉTICA CÓDIGO DE CONDUTA E ÉTICA Índice Nossos princípios diretivos 03 Proteção do patrimônio e uso dos ativos 04 Informação confidencial 05 Gestão e Tratamento dos Colaboradores 06 Conflitos de interesse 07

Leia mais

GU-0017-15BF-Codigo-Etica2.indd 1

GU-0017-15BF-Codigo-Etica2.indd 1 GU-0017-15BF-Codigo-Etica2.indd 1 07/12/15 17:39 GU-0017-15BF-Codigo-Etica2.indd 2 07/12/15 17:39 APRESENTAÇÃO Carta do Presidente do Conselho de Administração Pessoas e equipes são valorizadas na Concessionária

Leia mais

CÓDIGO DE ÉTICA E CONDUTA

CÓDIGO DE ÉTICA E CONDUTA CÓDIGO DE ÉTICA E CONDUTA Por estar inserida em uma sociedade, a Interact Solutions preza por padrões de conduta ética em suas atividades, quando se relaciona com clientes, fornecedores, canais de distribuição,

Leia mais

Políticas Corporativas. Código Interno de Ética

Políticas Corporativas. Código Interno de Ética Políticas Corporativas Versão: Janeiro de 2014 Área: Risco e Compliance Responsável: Leonardo Tavares Pereira Objetivo : Este Código tem por objetivo estabelecer os princípios, conceitos e valores que

Leia mais

Écom muito prazer que divulgo nosso Código de Ética e Conduta.

Écom muito prazer que divulgo nosso Código de Ética e Conduta. Código de Ética e Conduta Carta do Presidente Écom muito prazer que divulgo nosso Código de Ética e Conduta. Procuramos refletir todos os princípios éticos e padrões de conduta emanados pela nossa fundadora

Leia mais

1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12 13 14 15 16 17 18 19 20 21 22

1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12 13 14 15 16 17 18 19 20 21 22 Sumário 1 Introdução... 2 1.1 Finalidade do documento... 2 1.2 Abrangência... 2 2 Objetivos do código de conduta... 2 3 Princípios éticos... 3 4 Relações entre os Profissionais... 4 4.1 Oportunidade no

Leia mais

Não existe sucesso ou felicidade sem o exercício pleno da cidadania e da ética global.

Não existe sucesso ou felicidade sem o exercício pleno da cidadania e da ética global. Código de Ética C 2 O conteúdo deste documento é destinado apenas a visualização, sendo expressamente proibido o uso não autorizado, reprodução, cópia, distribuição, publicação ou modificação por terceiros

Leia mais

CÓDIGO DE CONDUTA 07/2014

CÓDIGO DE CONDUTA 07/2014 CÓDIGO DE CONDUTA 07/2014 CÓDIGO DE CONDUTA 07/2014 ÍNDICE ÍNDICE 1. Sobre o Código... 04 2. Relações com Clientes.... 05 3. Relações com os Acionistas... 05 3.1. Informações Privilegiadas... 05 4. Responsabilidades

Leia mais

CÓDIGO DE CONDUTA O CAMINHO CERTO PARA AS NOSSAS MELHORES ESCOLHAS!!!

CÓDIGO DE CONDUTA O CAMINHO CERTO PARA AS NOSSAS MELHORES ESCOLHAS!!! CÓDIGO DE CONDUTA O CAMINHO CERTO PARA AS NOSSAS MELHORES ESCOLHAS!!! PALAVRA DA DIRETORIA O mundo corporativo, juntamente com as organizações, estão passando por grandes transformações, sejam elas econômicas,

Leia mais

CÓDIGO DE ÉTICA APLICADO AOS ATORES DIRETOS

CÓDIGO DE ÉTICA APLICADO AOS ATORES DIRETOS Arranjo Produtivo Local de Tecnologia da Informação e Comunicação da Região Central do Centro do Rio Grande do Sul CÓDIGO DE ÉTICA APLICADO AOS ATORES DIRETOS Outubro de 2013 MISSÃO Fortalecer, qualificar,

Leia mais

CÓDIGO DE ÉTICA DA BB PREVIDÊNCIA FUNDO DE PENSÃO BANCO DO BRASIL INTRODUÇÃO

CÓDIGO DE ÉTICA DA BB PREVIDÊNCIA FUNDO DE PENSÃO BANCO DO BRASIL INTRODUÇÃO CÓDIGO DE ÉTICA DA BB PREVIDÊNCIA FUNDO DE PENSÃO BANCO DO BRASIL INTRODUÇÃO Este Código de Ética é público e reúne diretrizes que norteiam o comportamento dos Conselheiros, Dirigentes e Colaboradores

Leia mais

CÓDIGO DE CONDUTA DA MULTIPLAN EMPREENDIMENTOS IMOBILIÁRIOS S.A.

CÓDIGO DE CONDUTA DA MULTIPLAN EMPREENDIMENTOS IMOBILIÁRIOS S.A. CÓDIGO DE CONDUTA DA MULTIPLAN EMPREENDIMENTOS IMOBILIÁRIOS S.A. O presente Código de Conduta da Multiplan Empreendimentos Imobiliários S.A. (a Companhia ), visa cumprir com as disposições do Regulamento

Leia mais

MT/002-14 CÓDIGO DE ÉTICA E CONDUTA DA ARGUS 12/2014 - VINHEDO, SP

MT/002-14 CÓDIGO DE ÉTICA E CONDUTA DA ARGUS 12/2014 - VINHEDO, SP MT/002-14 CÓDIGO DE ÉTICA E CONDUTA DA ARGUS 12/2014 - VINHEDO, SP 1 Código de Ética e Conduta da Argus MENSAGEM DO PRESIDENTE Este Código de Ética e Conduta foi elaborado com a finalidade de explicitar

Leia mais

Banco do Brasil Seguros. É assim que a gente faz. Código de Conduta Ética

Banco do Brasil Seguros. É assim que a gente faz. Código de Conduta Ética Banco do Brasil Seguros. É assim que a gente faz. Código de Conduta Ética SUMÁRIO 1. CONCEITO 2. OBJETIVO 3. PRINCÍPIOS DE RELACIONAMENTOS 4. CONFLITOS DE INTERESSE 5. CUMPRIMENTO DO CÓDIGO 4 5 6 10 11

Leia mais

Código de Conduta 08/2014

Código de Conduta 08/2014 Código de Conduta 08/2014 Índice 1. Sobre o Código... 4 2. Relações com Clientes... 5 3. Relações com Acionistas... 5 3.1. Informações Privilegiadas... 6 4. Responsabilidades dos Integrantes...7 4.1. Oportunidade

Leia mais

Código de Conduta Fevereiro de 2014

Código de Conduta Fevereiro de 2014 Código de Conduta Fevereiro de 2014 Índice 1. Sobre o Código...03 2. Relações com Clientes... 04 3. Relações com os Acionistas... 04 3.1. Informações Privilegiadas... 05 4. Responsabilidades dos Integrantes...

Leia mais

A missão da Itapoços é transformar, através da prestação de serviços de qualidade, água em prosperidade e desenvolvimento sustentável, contribuindo

A missão da Itapoços é transformar, através da prestação de serviços de qualidade, água em prosperidade e desenvolvimento sustentável, contribuindo ITAPOÇOS POÇOS ARTESIANOS DE ITABIRA NASCIMENTO LTDA Introdução A missão da Itapoços é transformar, através da prestação de serviços de qualidade, água em prosperidade e desenvolvimento sustentável, contribuindo

Leia mais

Código de Ética. Responsabilidades: Lideranças Colaboradores. Aplicação do Código de Ética

Código de Ética. Responsabilidades: Lideranças Colaboradores. Aplicação do Código de Ética Código de Ética Sobre nossos Relacionamentos: Relacionamento com Clientes Relacionamento com Acionistas Relacionamento com Colaboradores Relacionamento com Parceiros de Negócio e Fornecedores Relacionamento

Leia mais

CÓDIGO DE ÉTICA DA SOMMA INVESTIMENTOS

CÓDIGO DE ÉTICA DA SOMMA INVESTIMENTOS 1. O CÓDIGO Este Código de Ética (Código) determina as práticas e padrões éticos a serem seguidos por todos os colaboradores da SOMMA INVESTIMENTOS. 2. APLICABILIDADE Esta política é aplicável: 2.1. A

Leia mais

CÓDIGO DE ÉTICA E DE CONDUTA

CÓDIGO DE ÉTICA E DE CONDUTA CÓDIGO DE ÉTICA E DE CONDUTA CÓDIGO DE ÉTICA E DE CONDUTA Para a QUAY, o Código de Ética e Conduta evidencia o propósito da empresa de buscar o constante aperfeiçoamento de seus valores, respeitando a

Leia mais

CÓDIGO DE CONDUTA ÉTICA SWEETMIX

CÓDIGO DE CONDUTA ÉTICA SWEETMIX CÓDIGO DE CONDUTA ÉTICA SWEETMIX Caro Colaborador, A prática do Código de Conduta Ética é tão importante que fazemos questão que cada colaborador tenha seu próprio exemplar para ler e consultar sempre

Leia mais

Código de Ética e Conduta

Código de Ética e Conduta Código de Ética e Conduta Introdução A Eucatex, através deste Código de Ética e Conduta, coloca à disposição de seus colaboradores, fornecedores e comunidade, um guia de orientação para tomada de decisões

Leia mais

CÓDIGO DE ÉTICA E RESPONSABILIDADE SOCIAL Laboratório Weinmann Ltda.

CÓDIGO DE ÉTICA E RESPONSABILIDADE SOCIAL Laboratório Weinmann Ltda. CÓDIGO DE ÉTICA E RESPONSABILIDADE SOCIAL Laboratório Weinmann Ltda. 1 Objetivo Descrever e comunicar os princípios que norteiam o relacionamento do Laboratório Weinmann Ltda. com as suas partes interessadas

Leia mais

POLÍTICA DE DENÚNCIAS

POLÍTICA DE DENÚNCIAS (constituída nas Bermudas com responsabilidade limitada) (Código de negociação em bolsa: 1768) (a Sociedade ) POLÍTICA DE DENÚNCIAS 1. Objetivo Esta Política estabelece os meios que: a) os funcionários

Leia mais

Código de Conduta. Código de Conduta Schindler 1

Código de Conduta. Código de Conduta Schindler 1 Código de Conduta Código de Conduta Schindler 1 2 Código de Conduta Schindler Código de Conduta da Schindler Os colaboradores do Grupo Schindler no mundo inteiro devem manter o mais alto padrão de conduta

Leia mais

POL 004 Rev. A POP, Código de Conduta

POL 004 Rev. A POP, Código de Conduta Página 1 de 7 A LDR é uma empresa de equipamentos médicos comprometida com o desenvolvimento, marketing, distribuição e venda de implantes vertebrais para implantação em seres humanos no tratamento de

Leia mais

CÓDIGO DE ÉTICA, MANUAL DE CONDUTA E PROCEDIMENTOS

CÓDIGO DE ÉTICA, MANUAL DE CONDUTA E PROCEDIMENTOS CÓDIGO DE ÉTICA, MANUAL DE CONDUTA E PROCEDIMENTOS A quem se destina este Manual Este manual reúne o conjunto de normas e procedimentos a serem seguidos por TODOS aqueles que trabalham na S.C.C.V.M. S/A,

Leia mais

POLÍTICA DE PREVENÇÃO E COMBATE À CORRUPÇÃO E OUTROS ATOS LESIVOS

POLÍTICA DE PREVENÇÃO E COMBATE À CORRUPÇÃO E OUTROS ATOS LESIVOS POLÍTICA DE PREVENÇÃO E COMBATE À CORRUPÇÃO E OUTROS ATOS LESIVOS 1. Introdução A presente Política, aplicável à WEG S/A e todas as suas controladas, representa uma síntese das diretrizes existentes na

Leia mais

Código de Ética LLTECH

Código de Ética LLTECH Código de Ética LLTECH Quem somos A LLTECH é uma empresa que oferece soluções inovadoras para automação e otimização de processos industriais, fornecendo toda a parte de serviços e produtos para automação

Leia mais

NOSSA VIDA É FACILITAR A SUA.

NOSSA VIDA É FACILITAR A SUA. NOSSA VIDA É FACILITAR A SUA. SUMÁRIO Carta do Diretor / Conselho de Administração... 03 Diretrizes... 04 Introdução... 05 Missão e Visão... 06 Valores... 07 Princípios e Condutas... 08 Comitê de Conduta

Leia mais

Índice 02 2. 03 3. 03 4. 06 5. 09 6. 09 7. 10 8. 11 9. 11 10. 12 11. 13 12. 13 13. 14 14. 14 15.

Índice 02 2. 03 3. 03 4. 06 5. 09 6. 09 7. 10 8. 11 9. 11 10. 12 11. 13 12. 13 13. 14 14. 14 15. CÓDIGO DE CONDUTA Índice 1. Sobre o Código...02 2. Relações com Clientes...03 3. Relações com os Acionistas...03 3.1. Informações Privilegiadas...03 4. Responsabilidades dos Integrantes... 04 4.1. Oportunidade

Leia mais

Código de Ética AccessBrasil 1

Código de Ética AccessBrasil 1 Código de Ética AccessBrasil 1 Sumário 01. Objetivos 02. Estrutura Operacional e Fluxo de Informações 03. Missão e Valores 04. Relações com Fornecedores 05. Relações com Clientes e Consumidores 06. Negociações

Leia mais

c. Promover o comportamento ético no ambiente em que atuamos.

c. Promover o comportamento ético no ambiente em que atuamos. Introdução O Código de Ética e Conduta foi aprovado em reunião do Conselho de Administração em 03/08/2015. É um documento que resume as principais políticas e diretrizes que definem as regras orientadoras

Leia mais

Apresentação...4. Glossário...5. Princípios Éticos Suzano...6. Governança Corporativa...6. Integridade...7. Igualdade...9. Transparência...

Apresentação...4. Glossário...5. Princípios Éticos Suzano...6. Governança Corporativa...6. Integridade...7. Igualdade...9. Transparência... Índice Apresentação...4 Glossário...5 Princípios Éticos Suzano...6 Governança Corporativa...6 Integridade...7 Igualdade...9 Transparência...10 Desenvolvimento Sustentável...10 Valorização Profissional...11

Leia mais

Código de Conduta Corporativa

Código de Conduta Corporativa Código de Conduta Corporativa Código de Conduta Corporativa 04 Introdução 05 Objetivo 06 Razão de Ser 07 Princípios de Comportamento 16 Confidencialidade 18 Relacionamentos 23 Gestão do Código de Conduta

Leia mais

CÓDIGO DE CONDUTA E ÉTICA

CÓDIGO DE CONDUTA E ÉTICA Carta do CEO Caros colaboradores, Apresento a vocês o nosso código de ética. Este importante documento é um conjunto de atitudes a serem praticadas por todos nós no exercício da nossa atividade profissional.

Leia mais

A SINIGAGLIA, endossa e pratica de forma sistemática os princípios do Pacto Global 1 da ONU, integrando-os a seus processos:

A SINIGAGLIA, endossa e pratica de forma sistemática os princípios do Pacto Global 1 da ONU, integrando-os a seus processos: INTRODUÇÃO O regime da livre iniciativa impõe às organizações e seus integrantes a conduzirem-se dentro de um ambiente de respeito e entendimento, zelando para que toda e qualquer forma de relacionamento,

Leia mais

Código de Ética e Conduta Empresarial

Código de Ética e Conduta Empresarial Código de Ética e Conduta Empresarial Índice 1. Introdução 2. Guia para o uso do Código de Conduta e Ética - O que é o Código? - Onde se aplica o Código? - Onde se pode ser encontrado o Código? - O Código

Leia mais

Normas e Procedimentos Éticos do Grupo Atlas Atlas Comércio Exterior Ltda ATL Cargo Ltda.

Normas e Procedimentos Éticos do Grupo Atlas Atlas Comércio Exterior Ltda ATL Cargo Ltda. Normas e Procedimentos Éticos do Grupo Atlas Atlas Comércio Exterior Ltda ATL Cargo Ltda. 1 Palavra da Diretoria Desde a sua criação, o Grupo Atlas tem exercido suas atividades fundamentado em quatro pilares:

Leia mais

MANUAL DE CONTROLES INTERNOS POLÍTICAS CORPORATIVAS

MANUAL DE CONTROLES INTERNOS POLÍTICAS CORPORATIVAS 8 - Política de segurança da informação 8.1 Introdução A informação é um ativo que possui grande valor para a COOPERFEMSA, devendo ser adequadamente utilizada e protegida contra ameaças e riscos. A adoção

Leia mais

NET SERVIÇOS DE COMUNICAÇÃO S.A. CÓDIGO DE CONDUTA

NET SERVIÇOS DE COMUNICAÇÃO S.A. CÓDIGO DE CONDUTA NET SERVIÇOS DE COMUNICAÇÃO S.A. CÓDIGO DE CONDUTA APRESENTAÇÃO Este é o Código de Conduta da Net Serviços de Comunicação S.A. e de suas controladas ( NET ). A NET instituiu este Código de Conduta norteado

Leia mais

Conselho Estratégico de Planejamento e Administração Empresarial.

Conselho Estratégico de Planejamento e Administração Empresarial. G7 PRO UNIIDADE BRASIIL SSOLLUÇÕEESS EESSTTRRATTÉÉGI IICASS EEM SSEEGURRANÇA CÓDIGO DE ÉTICA Conselho Estratégico de Planejamento e Administração Empresarial. Este documento possui informações INTERNAS

Leia mais

CÓDIGO DE CONDUTA E INTEGRIDADE DE FORNECEDORES

CÓDIGO DE CONDUTA E INTEGRIDADE DE FORNECEDORES SUMÁRIO 1. Introdução... 04 2. Abrangência... 04 3. Objetivo... 04 4. Princípios Éticos... 05 5. Preconceitos e Discriminação... 05 6. Respeito à Legislação e Integridade nos Negócios... 05 7. Documentos,

Leia mais

Código de Conduta COERÊNCI. Transformando Visão em Valor.

Código de Conduta COERÊNCI. Transformando Visão em Valor. Código de Conduta COERÊNCI Transformando Visão em Valor. Índice Prefácio... 3 Ética empresarial da HOCHTIEF: Princípios... 5 Conflitos de interesse... 7 Confidencialidade... 8 Regras sobre controle de

Leia mais

Código de Ética e de Conduta do. Grupo Energisa

Código de Ética e de Conduta do. Grupo Energisa Código de Ética e de Conduta do Grupo Energisa Caro colaborador, A prática do Código de Ética e de Conduta do Grupo Energisa é tão importante que fazemos questão que cada colaborador tenha seu próprio

Leia mais

POLÍTICA ANTICORRUPÇÃO EVEN

POLÍTICA ANTICORRUPÇÃO EVEN POLÍTICA ANTICORRUPÇÃO EVEN 1 Introdução A EVEN conduz seus negócios de acordo com os altos padrões éticos e morais estabelecidos em seu Código de Conduta, não tolerando qualquer forma de corrupção e suborno.

Leia mais

ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DE RECURSOS HUMANOS ABRH NACIONAL CÓDIGO DE CONDUTA

ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DE RECURSOS HUMANOS ABRH NACIONAL CÓDIGO DE CONDUTA ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DE RECURSOS HUMANOS ABRH NACIONAL CÓDIGO DE CONDUTA Somos uma entidade essencialmente associativa, sem fins lucrativos, que dissemina o conhecimento do mundo do trabalho para desenvolver

Leia mais

RIO 2016 POLÍTICA DE COMPLIANCE

RIO 2016 POLÍTICA DE COMPLIANCE COMITÊ ORGANIZADOR DOS JOGOS OLÍMPICOS RIO 206 RIO 206 POLÍTICA DE 25/02/205 / 2 Sumário. OBJETIVO... 2 2. DEFINIÇÕES... 2 3. ATRIBUIÇÕES E RESPONSABILIDADES... 5 4. DIRETRIZES... 7 4. Programa Geral de...

Leia mais

Índice. Código de Conduta

Índice. Código de Conduta Índice 1. Sobre o Código...03 2. Relações com Clientes... 04 3. Relações com os Acionistas... 04 3.1. Informações Privilegiadas... 05 4. Responsabilidades dos Integrantes... 06 4.1. Oportunidade no Trabalho...

Leia mais

PREÂMBULO TOV colaboradores, Compliance Outubro/2010

PREÂMBULO TOV colaboradores, Compliance Outubro/2010 PREÂMBULO A TOV, ciente da importância da ética nas relações profissionais nas comunidades onde atua e dos benefícios advindos do comprometimento e execução de diretrizes de conduta ética, divulga a todos

Leia mais

CÓDIGO DE ÉTICA E CONDUTA CÓDIGO DE ÉTICA E CONDUTA DA COMPAÑÍA ESPAÑOLA DE PETRÓLEOS, S.A.U. (CEPSA) E DO SEU GRUPO DE EMPRESAS

CÓDIGO DE ÉTICA E CONDUTA CÓDIGO DE ÉTICA E CONDUTA DA COMPAÑÍA ESPAÑOLA DE PETRÓLEOS, S.A.U. (CEPSA) E DO SEU GRUPO DE EMPRESAS CÓDIGO DE ÉTICA E CONDUTA DA COMPAÑÍA ESPAÑOLA DE PETRÓLEOS, S.A.U. (CEPSA) E DO SEU GRUPO DE EMPRESAS ÍNDICE CÓDIGO DE ÉTICA E CONDUTA DA COMPAÑÍA ESPAÑOLA DE PETRÓLEOS, S.A.U. (CEPSA) E DO SEU GRUPO

Leia mais

Fundação Professor Francisco Pulido Valente CÓDIGO DE CONDUTA

Fundação Professor Francisco Pulido Valente CÓDIGO DE CONDUTA Fundação Professor Francisco Pulido Valente CÓDIGO DE CONDUTA Dezembro de 2012 INTRODUÇÃO As fundações são instituições privadas sem fins lucrativos que visam contribuir para o bem comum, para o desenvolvimento

Leia mais

ELDORADO GOLD CORPORATION SUBSIDIÁRIAS E AFILIADAS CÓDIGO DE CONDUTA COMERCIAL E ÉTICA

ELDORADO GOLD CORPORATION SUBSIDIÁRIAS E AFILIADAS CÓDIGO DE CONDUTA COMERCIAL E ÉTICA ELDORADO GOLD CORPORATION SUBSIDIÁRIAS E AFILIADAS CÓDIGO DE CONDUTA COMERCIAL E ÉTICA A Eldorado Gold Corporation e suas subsidiárias e afiliadas estão comprometidas com os mais elevados padrões de conduta

Leia mais

JHSF PARTICIPAÇÕES S.A. COMPANHIA ABERTA CNPJ/MF Nº. 08.294.224/0001-65 - NIRE Nº. 35.300.333.578

JHSF PARTICIPAÇÕES S.A. COMPANHIA ABERTA CNPJ/MF Nº. 08.294.224/0001-65 - NIRE Nº. 35.300.333.578 JHSF PARTICIPAÇÕES S.A. COMPANHIA ABERTA CNPJ/MF Nº. 08.294.224/0001-65 - NIRE Nº. 35.300.333.578 CÓDIGO DE ÉTICA Escopo Este Código de Ética ( Código ) reúne as principais normas de conduta que devem

Leia mais

A presente é uma tradução de um documento em língua inglesa, exclusivamente para sua comodidade. O texto do original em inglês regerá, em todos os

A presente é uma tradução de um documento em língua inglesa, exclusivamente para sua comodidade. O texto do original em inglês regerá, em todos os A presente é uma tradução de um documento em língua inglesa, exclusivamente para sua comodidade. O texto do original em inglês regerá, em todos os aspectos, os seus direitos e as suas obrigações. O original

Leia mais

MANUAL DE CONTROLES INTERNOS PARTE II POLÍTICAS CORPORATIVAS

MANUAL DE CONTROLES INTERNOS PARTE II POLÍTICAS CORPORATIVAS 1 Política de segurança da informação 1.1 Introdução A informação é um ativo que possui grande valor para a COGEM, devendo ser adequadamente utilizada e protegida contra ameaças e riscos. A adoção de políticas

Leia mais

OBJETIVO DO CÓDIGO DE CONDUTA: Trabalho com ÉTICA HONESTIDADE HUMILDADE TRANSPARÊNCIA RESPONSABILIDADE EMPREENDEDORISMO

OBJETIVO DO CÓDIGO DE CONDUTA: Trabalho com ÉTICA HONESTIDADE HUMILDADE TRANSPARÊNCIA RESPONSABILIDADE EMPREENDEDORISMO OBJETIVO DO CÓDIGO DE CONDUTA: O CÓDIGO DE CONDUTA do GRUPO BAHAMAS, composto pelo Supermercado Bahamas e Bahamas Card (BTR), foi elaborado com o objetivo de orientar o trabalho de forma que as nossas

Leia mais

Documentação Normativa e Código de Conduta da Conformità Consultoria Empresarial LTDA

Documentação Normativa e Código de Conduta da Conformità Consultoria Empresarial LTDA Procedimento PR-CP-001 Documentação Normativa e Código de Conduta da Conformità Consultoria Empresarial LTDA Garopaba, 15 de maio de 2015 Elaborado e aprovado por: Diretoria Lourenço Tosetto e Rômulo Duarte

Leia mais

Código de Conduta 06/2014

Código de Conduta 06/2014 Código de Conduta 06/2014 Índice 1. Sobre o Código...03 2. Relações com Clientes... 04 3. Relações com os Acionistas... 04 3.1. Informações Privilegiadas... 05 4. Responsabilidades dos Integrantes...

Leia mais

Código de Conduta Eldorado Brasil

Código de Conduta Eldorado Brasil Código de Conduta Eldorado Brasil Eldorado Brasil Celulose S.A. Atualizado em: 14/08/2013 CÓDIGO DE CONDUTA ELDORADO BRASIL Sumário Mensagem do Presidente... 1 Comitê de Pessoas e Desenvolvimento e Ouvidoria

Leia mais

DIRECIONADORES DA AÇÃO EMPRESARIAL

DIRECIONADORES DA AÇÃO EMPRESARIAL DIRECIONADORES DA AÇÃO EMPRESARIAL Na ASBRASIL, já foram estabelecidas as direções básicas da ação empresarial, conforme estabelecido em nosso plano de negócios que deseja se consolidar em uma cultura

Leia mais

MENSAGEM DO PRESIDENTE

MENSAGEM DO PRESIDENTE Ética para viver Ética para viver MENSAGEM DO PRESIDENTE Caro colaborador, A Bandeirante possui missão, visão e valores definidos. Eles estão discriminados em um documento amplamente difundido dentro e

Leia mais

Código. de Conduta 05/2014. Código de Conduta

Código. de Conduta 05/2014. Código de Conduta Código de Conduta 05/2014 Código de Conduta Índice 1. Sobre o Código... 03 2. Relações com Clientes... 04 3. Relações com os Acionistas... 04 3.1. Informações Privilegiadas... 05 4. Responsabilidades dos

Leia mais

Princípios de Ética no Grupo DB

Princípios de Ética no Grupo DB Princípios de Ética no Grupo DB Código de conduta Objetivo do código de conduta Estipulamos com valor vinculativo os nossos padrões e as expectativas relativas aos nossos negócios diários. Para todos os

Leia mais

CÓDIGO DE CONDUTA DA ARENA PERNAMUCO NEGÓCIOS E INVESTIMENTOS S.A.

CÓDIGO DE CONDUTA DA ARENA PERNAMUCO NEGÓCIOS E INVESTIMENTOS S.A. 1. Sobre o Código 2. Relações com Clientes 3. Relações com os Acionistas 3.1. Informações Privilegiadas 4. Responsabilidades dos Integrantes 4.1. Oportunidade no Trabalho 4.2. Igualdade 4.3. Ambiente de

Leia mais

CÓDIGO DE CONDUTA DOS COLABORADORES DA FUNDAÇÃO CASA DA MÚSICA

CÓDIGO DE CONDUTA DOS COLABORADORES DA FUNDAÇÃO CASA DA MÚSICA CÓDIGO DE CONDUTA DOS COLABORADORES DA FUNDAÇÃO CASA DA MÚSICA Na defesa dos valores de integridade, da transparência, da auto-regulação e da prestação de contas, entre outros, a Fundação Casa da Música,

Leia mais

Código de Conduta Empresarial

Código de Conduta Empresarial Código de Conduta Empresarial MENSAGEM DO PRESIDENTE Prezados(as) Colaboradores(as), Todos nós temos uma razão de ser, nossos propósitos de vida e princípios que regem nossos comportamentos, atitudes e

Leia mais

TERMO DE COMPROMISSO 21

TERMO DE COMPROMISSO 21 MENSAGEM DO PRESIDENTE 03 PRINCÍPIOS ÉTICOS 04 Abrangência 05 Condutas Internas 05 Saúde, Segurança e Meio Ambiente 10 Relatórios Financeiros e Registros Contábeis 11 Fornecedores e Prestadores de Serviços

Leia mais

n Mensagem da Diretoria... 3 n Nossa Missão... 4 n Informações Gerais... 4 n Conduta e Diretrizes... 5

n Mensagem da Diretoria... 3 n Nossa Missão... 4 n Informações Gerais... 4 n Conduta e Diretrizes... 5 Código Conduta de ÍNDICE n Mensagem da Diretoria... 3 n Nossa Missão... 4 n Informações Gerais... 4 n Conduta e Diretrizes... 5 n Clientes, Fornecedores e Prestadores de Serviço... 5 n Relação com a Comunidade...

Leia mais