12 Horas de Porto Alegre 1968: Pace empurra Emerson.

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "12 Horas de Porto Alegre 1968: Pace empurra Emerson."

Transcrição

1 12 Horas de Porto Alegre 1968: Pace empurra Emerson. Localizava-se entre os bairros de Cavalhada e Vila Nova da cidade de Porto Alegre. Foi utilizado pela primeira vez em 1958, numa prova pelo campeonato gaúcho. Seus 6,492 km de extensão tinham terra seca, brita, saibro e paralelepípedo. O sucesso da prova anual foi grande até Após quatro anos de interrupção a prova no circuito da Cavalhada-Vila Nova voltou em 1968 com a disputa das 12 Horas de Porto Alegre, nos dias 21 e 22 de dezembro. A largada era na Avenida Cavalhada, esquina com a Otto Niemeyer em direção da Rua João Salomoni. Após a largada, contornava-se um S em alta velocidade até a curva do Posto Ipiranga. Daí até a Igreja da Vila Nova (já na Salomoni), percorria-se curvas suaves em descida constante. Próximo à igreja, um outro S muito veloz e em seguida forte redução de marcha para contornar a esquerda (onde fica a igreja) a quase 90º. Sai-se de lá com pé no fundo já na Avenida Vicente Monteggia em subida. Curva à direita e depois, quase um quilômetro em subida pela Monteggia para entrar numa descida, onde se alcançava a maior velocidade do circuito, durante uns 600 metros. Duas curvas longas uma à esquerda e outra à direita- antecediam a famosa e perigosa Curva da Padaria a mais fechada do circuito- com praticamente 90º também (mas, bem mais estreita que a curva da igreja) onde os carros saíam a menos de 60 km/h. Daí era só alegria na descida da Cavalhada até o Posto Atlantic diante de uma curva em meia-lua- feita a 100 km/h, para tomar a reta de quase 400 metros até a linha de chegada. Em 1963 o veterano Breno Fornari, com seu n 35, estabelecera o recorde da volta em a uma média de 110,337 km/h. Já em 1968, Pace não participou da última etapa do campeonato brasileiro de Na tradicional premiação anual da época - Prêmio Victor o campeão brasileiro Luiz Pereira Bueno ganhou como o melhor piloto do ano. Outros destaques na premiação foram Pace -melhor piloto de protótipos de 1968, Emerson Fittipaldi - o melhor da F6rmula-Vê- e Alex Dias Ribeiro -"Piloto Revelação de 1968".

2 Nesse cenário, as 12 Horas de Porto Alegre de 1968 última prova do campeonato gaúcho de foi disputada a última corrida de rua no circuito Cavalhada, nos dias 21 e 22 de dezembro. Participaram só veículos nacionais, com motor preparado obedecendo o número de carburadores originais. A prova foi dividida em 3 categorias: A até cc, B de a e C de a cc. A grande maioria, entre os 41 bólidos participantes, foram pilotados por duplas do próprio Rio Grande do Sul. Entre os paulistas, a escuderia Fittipaldi inscreveu seu Sandler persegue Feoli: disputas entre as Classes B e A. já conhecido Fusca, adaptado com o kit Fitti 1600 (1.584 cc) de fabricação própria, com os irmãos Emerson e Wilson Fittipaldi. A Ford também participou com o recém-lançado Ford Corcel- e aqui vale a pena relatar os antecedentes dessa história. Nesse ano de 1968 a Ford adquiriu a Willys-Overland. Assim, depois de uma ano de vida, findou-se o Departamento de Competição da Willys. A grande sacada desta transação foi que nessa fusão, o projeto Renault R-12 já estava pronto. Só mudou o nome de Renault R- 12 para Corcel. Como chefe do departamento de Competições, Luiz Greco ficou sucumbido pela Fordde promover a estréia do Corcel em competições, justamente nessa prova de Cavalhada. A Ford queria dois carros na competição e facilitou o preço para o ídolo local Catharino Andreatta comprar um e Bird Clemente outro, ambos brancos. Greco convidou Carlos Pace para fazer dupla com Bird e Catharino correu com seu filho Vitório. O motor tinha cc e preocupado com a visibilidade noturna, Bird acrescentou no seu Corcel, um par de faróis de iodo do Galaxie. Imaginem a potência que ficou... Os outros candidatos à vitória eram Jaime Silva e Hugo Galina com um JK de cc e o jovem Jan Balder com seu cunhado Henrique Iwers, pilotando o próprio de 981 cc, comandados pelo veterano Karl Iwers. Na véspera da corrida, Karl levou sua equipe para treinar na reta da estrada Porto Alegre - Uruguaiana, perto de Guaíba. Jan Balder comentou com os Fittipaldi e estes também regularam a carburação do Fusca, para a corrida, neste retão. O Fusca andava uma barbaridade e dificilmente o pesado Corcel derrotaria os irmãos Fittipaldi, pensou Bird. O grid foi formado por sorteio e quem fez a pole-position foi o JK de Jaime Silva e Ugo Galina. Na primeira fila também alinhou o favorito fusca dos Fittipaldi. Bem atrás deles, estava o Corcel da dupla Bird/Pace. Na escuderia Ford (Greco), Bird estava escalado para iniciar a corrida. Minutos antes da prova, Bird não se sentiu confortável com o desânimo de Pace e depois de muito insistir qual era o problema, Pace explicou-lhe que estava triste porque queria estar no grid para a largada. Aliviado com o desabafo de Pace, Bird não hesitou e concedeu-lhe a pilotagem na hora da largada, recomendando só ter cuidado com os faróis de iodo, devido à chuva que caía. Feliz da vida, Pace se aprontou e alinhou no grid. Era 22:10 Hs do sábado, dia 21/12/1968 com muita chuva, quando o diretor de prova deu a largada: na empolgação, Pace encheu a traseira do Fusca do Emerson quebrando seu distribuidor. Já o Corcel teve o tão cuidado farol de iodo quebrado. No Box, Bird e Wilson não acreditavam no ocorrido. O irado Tigrão foi tirar satisfações com Bird que com aquele seu jeito peculiar, acalmou-o. Emerson foi para o Box e lá não tinha um outro distribuidor. Na correria, o amigo Jan Balder arrumou na escuderia Puma de Guedes- um distribuidor para o mecânico

3 Darci, da escuderia Fittipaldi. Com uma volta de atraso, Emersou retornou à prova e teve dificuldades pois o distribuidor não funcionou adequadamente no restante da prova. Trinta mil pessoas acompanhavam o desenrolar da prova e às 22:30 o Volks n 40 do piloto Alfredo Becker, de 25 anos, saiu da pista para não atropelar uma pessoa que cruzava à sua frente. Foi de encontro a uma barraca matando três pessoas: Larri Cardoso Samarsia, 32 anos; Marco Antônio Lutkmeir e Antônio Ferreira Gonçalves, ambos de 16 anos. Estes foram projetados a mais de 20 metros de distância. O irmão de Antônio, Alberto Ferreira Gonçalves, de 17 anos e Norberto Brozoso sofreram ferimentos graves e foram enviados ao Hospital do Pronto-Socorro. O piloto Becker sofreu ferimento leves e quando desceu do carro estava Já sem chuva, o nº45 de Ronaldo Bittencourt/ Júlio Dickie seguido pelo nº51 de Jallé/ Edison Brum. completamente descompensado, pois foi para o meio da pista e tentou o suicídio. Felizmente foi retirado a tempo por populares. A chuva foi até a manhã de domingo. Da largada até a 15ªvolta a liderança passou por Aldo Costa ( nº3), Lauro Mourmonn (FNM nº25), e Juvenal Martini ( nº77) acompanhados por Pedro Carneiro (FNM nº28) e Carlos Pace (Corcel n 4) que assumiu a ponta e a manteve até a 21ªvolta. Na volta seguinte, Jaime Silva (FNM n 126), era o ponteiro, mas somente por três voltas pois foi ultrapassado pelo Volks dos Fittipaldi que vinha num ritmo alucinante e já recuperara a volta perdida (de acordo com a cronometragem da prova)! O nº77 de Martini pouco antes de receber o bote do impossível Fusca Fittipaldi nº7.

4 Jaime e Pace os seguiam bem de perto, formando um trio paulista na liderança. Várias vezes esse trio trocou de posições até a trigésima volta, quando o gaúcho Juvenal Martini, reassumiu a ponta da corrida, onde ficou por sete voltas, fazendo com que a torcida local vibrasse um pouco. Pedro Carneiro, liderou por duas voltas, mas Jaime Silva o ultrapassou na quadragésima volta. Por volta da 80ªvolta Wilson fez uma rápida parada no Box e ao retornar lutou pela liderança duramente com Ugo Galina, no volante do FNM. Conseguiu ultrapassá-lo e assumir a ponta. Amanheceu e a liderança era novamente do Corcel da dupla Bird/Pace com o Fusca dos irmãos Fittipaldi no cangote. A batalha se intensificou entre a 145ª à 183ªvolta. Foi quando o pai Barão Fittipaldi ordenou do Box para que seus filhos forçassem o train de corrida. Na volta seguinte, o Volks ultrapassa o Corcel e nesses últimas dez voltas abriu 7 do Corcel para cruzar a linha de chegada em primeiro, depois de 193 voltas percorridas. O Corcel nº4, supostamente vencedor. Repare nos faróis da direita quebrados.

5 Greco achou que a vitória foi do Corcel Bird/Pace, pois os Fittipaldi não teriam descontado a volta perdida. A rádio Guaíba que tinha um experiente serviço de cronometragemconfirmou o fato. Sobre o assunto, encontrei o seguinte depoimento do piloto Fernando Esbroglio: - Corri esta 12 Horas de Porto Alegre em Na verdade houve grande dúvida sobre o vencedor; se a dupla Fittipaldi (com pneus Pirelli Corsa que ninguém tinha) ou a dupla Moco-Bird. Naquele tempo, a cronometragem era manual e ambos juravam não ter sido ultrapassados pelo outro. Mas, a força do conjunto Barão-Bardahl-Varga derrotou o conjunto Greco-Ford/Willys. Na verdade, de dentro da pista garanto, quem realmente voava baixo era o Luiz Pereira Bueno num Renault Gordini cc da Equipe Torke (não era um 1093 de 900cc). Mesmo com o impasse constatado Greco, Bird e Pace não reclamaram. Bird esclarece o porquê: - Se o Pace não tivesse batido no carro deles, venceriam com facilidade. Emerson relata: - Ficamos felizes mas a Ford não. Era a primeira corrida que a sua equipe de fábrica fazia e havia a certeza de vencer. Aquela altura eu já tinha resolvido ir para a Europa. Foi sua última corrida antes de sair do Brasil, pois em fevereiro de 1969 ele embarcou para a Europa. Aí começa uma outra história... Abaixo a classificação geral e detalhes de outros pilotos que não completaram a prova. 12 Horas de Porto Alegre, 21 e 22/12/ Cavalhada-Vila Nova Coloc.Geral Nº Piloto Parceiro UF Carro CC Classe Coloc.Classe 1º 7 2º 4 3º 126 4º 22 5º 1 6º 9 7º 2 Wilson Fittipaldi Jr Bird Clemente Ugo Galina Jose Madrid Ítalo Bertao Henrique Iwers Catharino Andreatta 8º 8 Edesio Cé 9º 32 10º 43 11º 35 Asmuz Rafaele Rosito Jorge Truda Emerson Fittipaldi Carlos Pace Jaime Silva Antonio Madrid Rui Menegaz Jan Balder Vitório Andreatta Paulo Salatino Ismael Chaves Barcellos Sergio Axelrud JoãoCarlos Macedo SC Ford Corcel FNM 2000 JK Ford Corcel Total Voltas Tempo Média (km/h) B 1º h01m31s 104, B 2º h01m38s 104, C 1º C 2º C 3º A 1º B 3º C 4º C 5º B 4º C 6º 176

6 12º 77 13º 5 14º 25 15º 79 16º 11 17º 90 Juvenal Martini Antônio Macedo Lauro Maurmann Jr Gilberto Hoff Flávio Del Mese Levino Tagliari 18º 51 Jallé NT 3 NT 28 NT 29 NT 40 NT 45 NT 99 NT NT NT Aldo Costa Pedro Carneiro Pereira Ênio Sandler Alfredo Becker Ronaldo Bittencourt Francisco Feoli Cláudio Mueller Fernando Esbroglio Luiz Pereira Bueno Valetr Dal Zotto Leonel Friedrich Renato Petrillo Regis Schuck Fernando Bulgarini Edson Troglio Edison Soares de Brum Luiz Fernando Costa Alfredo Oliveira Vilson Drago Júlio Dickie Roberto Giordani FNM 2000 JK Gordini 1093 FNM 2000 JK Gordini C 7º B 5º C 8º A 2º A 3º B 6º A 4º C C B B 981 A 981 A B OBS.: O recorde de prova não foi batido e permaneceu com a dupla gaúcha de Caxias do Sul Valter Dal Zotto-Juvenal Martini com o tempo de 12h00m51s40, ao vencerem a prova de 1963, quando também completaram 193 voltas a uma média de 104,289 km/h, pilotando um nº77. Foi por muito pouco, pouco mesmo hein? Sergio Sultani. Colaboração(nos resultados): Napoleão Ribeiro. Fotos: Revista Auto Esporte. Pesquisa: Nos Bastidores do Automobilismo Brasileiro (J.Balder), Paixão e Técnica ao Volante Entre Ases e Reis de Interlagos (B.Clemente), revista Auto Esporte e Jornal Folha de São Paulo.

JEEP CLUBE DE MACEIÓ

JEEP CLUBE DE MACEIÓ JEEP CLUBE DE MACEIÓ R E G U L A M E N T O XIX Prova do Sururu A XIX PROVA DO SURURU de 4x4 será regida pelo presente regulamento e pelo Código Desportivo do Automobilismo. A XIX PROVA DO SURURU de 4x4

Leia mais

XXVI 100 Milhas Piracicaba

XXVI 100 Milhas Piracicaba XXVI 100 Milhas Piracicaba Data: 01 e 02 de agosto de 2015. Autódromo: Esporte Clube Piracicabano de Automobilismo Supervisão: FASP Federação de Automobilismo de São Paulo Apoio: Prefeitura Municipal de

Leia mais

CONSELHO TÉCNICO DESPORTIVO NACIONAL. F3 BRAZIL OPEN, 2012 Edition. Regulamento Desportivo

CONSELHO TÉCNICO DESPORTIVO NACIONAL. F3 BRAZIL OPEN, 2012 Edition. Regulamento Desportivo 1 CONSELHO TÉCNICO DESPORTIVO NACIONAL F3 BRAZIL OPEN, 2012 Edition Regulamento Desportivo A CBA supervisionará técnica e desportivamente o torneio F3 BRAZIL OPEN, 2012 Edition, que é promovido pela empresa

Leia mais

Regulamento Copa Cemil de Ciclismo 2015

Regulamento Copa Cemil de Ciclismo 2015 Regulamento Copa Cemil de Ciclismo 2015 Regulamento Particular da Competição Na ausência de item especifico para um determinado assunto neste regulamento particular, a organização considera como referencia

Leia mais

Campeonato Nacional de Velocidade 2015

Campeonato Nacional de Velocidade 2015 Campeonato Nacional de Velocidade 2015 CIRCUITO MCE I 19 de Abril de 2015 Regulamento Particular A contar para: Campeonato)Nacional)SUPERBIKE)e)SUPERBIKE)EVO) Campeonato)Nacional)SUPERSTOCK)600) Campeonato)Nacional)JÚNIOR)

Leia mais

5 - Fica reservada à AMIKA a aprovação, ou não, dos pilotos que se inscreverem, sem que haja necessidade de justificativa.

5 - Fica reservada à AMIKA a aprovação, ou não, dos pilotos que se inscreverem, sem que haja necessidade de justificativa. GERAL 1 O Torneio de Verão 2013 tem como criadora, idealizadora e organizadora a Associação de Amigos do Kart Amador (AMIKA) que juntamente com o Kartódromo Granja Viana realizará o evento com a finalidade

Leia mais

300 Milhas de Interlagos: Troféu levará o nome de Luiz Pereira Bueno

300 Milhas de Interlagos: Troféu levará o nome de Luiz Pereira Bueno Sexta-feira, 11 de março de 2011 300 Milhas de Interlagos: Troféu levará o nome de Luiz Pereira Bueno Homenagem ao grande piloto brasileiro, falecido recentemente, é uma iniciativa dos promotores Antonio

Leia mais

www.nascarbrasil.com Manual de pilotagem e aprendizado

www.nascarbrasil.com Manual de pilotagem e aprendizado Manual de pilotagem e aprendizado Bem vindo ao mundo das corrida virtuais! A razão deste documento é ajudar os novatos em corridas multi-player entender as grandes diferenças entre correr Online e Offline

Leia mais

Porsche 550 Spyder. Clubnews

Porsche 550 Spyder. Clubnews Porsche 550 Spyder Classic News Wolfgang von Trips, um dos melhores pilotos alemães de todos os tempos, ao volante do Porsche 550 A nos 1000 Km de Nurburgring, em 1956. 50 anos de um vencedor Primeiro

Leia mais

Dobradinha histórica

Dobradinha histórica Clubnews 24 65 American Le Mans Series Dobradinha histórica Em Mid Ohio, os Porsche RS Spyder terminam nos dois primeiros lugares na classificação geral e derrotam os protótipos da classe LMP1. Texto:

Leia mais

História e evolução do Automóvel

História e evolução do Automóvel I Mostra de Carros Antigos SENAI Santo Amaro Mecânica Online Apresentação Tarcisio Dias História e evolução do Automóvel 125 anos de inovação Novembro - 2011 História e evolução do Automóvel Tarcisio Dias

Leia mais

Resumo de Convenções de Deslocamento Motociclístico

Resumo de Convenções de Deslocamento Motociclístico Resumo de Convenções de Deslocamento Motociclístico Você foi convidado a rodar com o Twister Moto Clube! Evento: Dia: Ponto de Encontro: Hora: Além de uma honra, esta será também uma grande responsabilidade

Leia mais

O primeiro campeão. Foram quase 28 minutos de expectativa. Durante 16 voltas, GT3 Cup Challenge Brasil

O primeiro campeão. Foram quase 28 minutos de expectativa. Durante 16 voltas, GT3 Cup Challenge Brasil GT3 Cup Challenge Brasil O primeiro campeão Depois de 13 etapas com muitas disputas, o GT3 Cup Challenge Brasil encerra sua primeira temporada e consagra seu primeiro campeão: Beto Posses. Texto: Luiz

Leia mais

Confederação Brasileira de Automobilismo CONFEDERAÇÃO BRASILEIRA DE AUTOMOBILISMO CONSELHO TÉCNICO DESPORTIVO NACIONAL COMISSÃO NACIONAL DE VELOCIDADE

Confederação Brasileira de Automobilismo CONFEDERAÇÃO BRASILEIRA DE AUTOMOBILISMO CONSELHO TÉCNICO DESPORTIVO NACIONAL COMISSÃO NACIONAL DE VELOCIDADE CONSELHO TÉCNICO DESPORTIVO NACIONAL COMISSÃO NACIONAL DE VELOCIDADE REGULAMENTO PARTICULAR DA PROVA I. Prova, Data e Local 6º Evento do Campeonato Mitsubishi Lancer Cup 2015. - Provas 11 e 12 - Data:

Leia mais

O AUTÓDROMO DE INTERLAGOS

O AUTÓDROMO DE INTERLAGOS O AUTÓDROMO DE INTERLAGOS O Autódromo José Carlos Pace, mais conhecido como Autódromo de Interlagos, é um local do qual os paulistanos e brasileiros têm orgulho e que está no imaginário das pessoas quando

Leia mais

REGULAMENTO ESPECÍFICO DE CICLISMO JERNS 2014

REGULAMENTO ESPECÍFICO DE CICLISMO JERNS 2014 GOVERNO DO ESTADO DO RIO GRANDE DO NORTE SECRETARIA DE ESTADO, DA EDUCAÇÃO E DA CULTURA COORDENADORIA DE DESPORTOS DESPORTO ESCOLAR CODESP REGULAMENTO ESPECÍFICO DE CICLISMO JERNS 2014 Art.1º- As competições

Leia mais

WWW.GARAGEM83.COM.BR

WWW.GARAGEM83.COM.BR 1º EVENTO: DOMINGO - 15/03/2015 (APENAS TRACK DAY); 2º EVENTO: DOMINGO - 26/04/2015 (JUNTO COM MARCAS & PILOTOS); 3º EVENTO: DOMINGO - 17/05/2015 (APENAS TRACK DAY); 4º EVENTO: DOMINGO - 26/07/2015 (JUNTO

Leia mais

Será disputada no sistema maratona (XCM), percurso aproximado de 45km. O alinhamento dentro de cada bateria será aleatório.

Será disputada no sistema maratona (XCM), percurso aproximado de 45km. O alinhamento dentro de cada bateria será aleatório. REGULAMENTO DO PARADISE TRIP TRAIL. 1. A prova. Será disputada no sistema maratona (XCM), percurso aproximado de 45km. O alinhamento dentro de cada bateria será aleatório. 2. Roteiro. O roteiro de prova

Leia mais

REGULAMENTO DESPORTIVO

REGULAMENTO DESPORTIVO REGULAMENTO DESPORTIVO 2015 ART. 01 REGULAMENTO DESPORTIVO TEMPORADA 2015 A Pokemon Pneus, é a realizadora da Copa Paraná Superbike com 7 etapas, elabora o presente regulamento, entrando em vigor imediatamente

Leia mais

Confederação Brasileira de Automobilismo CONFEDERAÇÃO BRASILEIRA DE AUTOMOBILISMO CONSELHO TÉCNICO DESPORTIVO NACIONAL COMISSÃO NACIONAL DE VELOCIDADE

Confederação Brasileira de Automobilismo CONFEDERAÇÃO BRASILEIRA DE AUTOMOBILISMO CONSELHO TÉCNICO DESPORTIVO NACIONAL COMISSÃO NACIONAL DE VELOCIDADE CONSELHO TÉCNICO DESPORTIVO NACIONAL COMISSÃO NACIONAL DE VELOCIDADE REGULAMENTO PARTICULAR DA PROVA I. Prova, Data e Local 7º Evento do Campeonato Mitsubishi Lancer Cup 2015. - Provas 13 e 14 - Data:

Leia mais

R E G U L A M E N T O - 2014

R E G U L A M E N T O - 2014 R E G U L A M E N T O - 2014 COPA NORDESTE DE INDOOR 4x4 A COPA NORDESTE DE INDOOR 4x4 será regida pelo presente regulamento e pelo Código Desportivo do Automobilismo. A COPA NORDESTE DE INDOOR 4x4 estará

Leia mais

O Torneio Gol de Letra

O Torneio Gol de Letra O Torneio Gol de Letra Um evento que promove uma disputa amistosa entre empresas comprometidas com a responsabilidade social Todos os recursos revertidos para a Fundação Gol de Letra 20 empresas participantes

Leia mais

texto I partes I e II Língua Portuguesa e Matemática Futebol de rua De preferência os novos, do colégio.

texto I partes I e II Língua Portuguesa e Matemática Futebol de rua De preferência os novos, do colégio. partes I e II Língua Portuguesa e Matemática texto I Futebol de rua Pelada é o futebol de campinho, de terreno baldio. Mas existe um tipo de futebol ainda mais rudimentar do que a pelada. É o futebol de

Leia mais

Trabalho Interdisciplinar Bairro São Geraldo

Trabalho Interdisciplinar Bairro São Geraldo Trabalho Interdisciplinar Bairro São Geraldo Gravataí, 2015 Dados do grupo Nomes: Daniel Griebler, Isabela Becker, Natália Peroni e Fernanda Cardoso Turma: 101 Dados da Região O bairro São Geraldo está

Leia mais

REGULAMENTO PARTICULAR DA PROVA

REGULAMENTO PARTICULAR DA PROVA CONFEDERAÇÃO BRASILEIRA DE AUTOMOBILISMO FEDERAÇÃO DE AUTOMOBILISMO DE SÃO PAULO CAMPEONATO BRASILEIRO PORSCHE GT3 CUP CHALLENGE e LIGHT REGULAMENTO PARTICULAR DA PROVA Artigo 1º Informações Específicas

Leia mais

hardwarecar.com.br 1 Tecla para acionamento do freio de largada e Reset dos cronômetros e Mapas. 4 Teclas para navegação e programações.

hardwarecar.com.br 1 Tecla para acionamento do freio de largada e Reset dos cronômetros e Mapas. 4 Teclas para navegação e programações. Tecla para acionamento do freio de largada e Reset dos cronômetros e Mapas. 4 Teclas para navegação e programações. A saída do chicote esta localizada na parte traseira ou inferior do. hardwarecar.com.br

Leia mais

A Nova Ordem Mundial

A Nova Ordem Mundial Fórmula 1 A Nova Ordem Mundial Categoria volta às pistas com muitas mudanças nos carros, na liderança das equipes, além de muitas polêmicas. Desde 1997, a categoria automobilística mais cara do mundo,

Leia mais

Art.2º- Os números de atletas por prova em suas respectivas categorias ficarão assim distribuídos:

Art.2º- Os números de atletas por prova em suas respectivas categorias ficarão assim distribuídos: REGULAMENTO ESPECÍFICO DE CICLISMO JEM S 2015 Art.1º- As competições serão regidas pelos regulamentos, normas e especificações técnicas da Confederação Brasileira de Ciclismo em tudo que não contrariar

Leia mais

REGULAMENTO ESPORTIVO. Copa KART BRASIL e KART NIGHT 2015. I Do CAMPEONATO

REGULAMENTO ESPORTIVO. Copa KART BRASIL e KART NIGHT 2015. I Do CAMPEONATO REGULAMENTO ESPORTIVO Copa KART BRASIL e KART NIGHT 2015 I Do CAMPEONATO Art. 1º A Copa KART BRASIL 2015 e a KART NIGHT 2015 serão realizadas no Kartódromo Internacional Nova Odessa. 1º A Copa KART BRASIL

Leia mais

CAMPEONATO PARARANAENSE LIGHT DE KART - 2015 REGULAMENTO TÉCNICO DESPORTIVO

CAMPEONATO PARARANAENSE LIGHT DE KART - 2015 REGULAMENTO TÉCNICO DESPORTIVO CAMPEONATO PARARANAENSE LIGHT DE KART - 2015 REGULAMENTO TÉCNICO DESPORTIVO A Federação Paranaense de Automobilismo FPrA, e suas filiadas: AKRL Associação dos Kartistas da Região de Londrina, farão realizar

Leia mais

Quem mais torce, incentiva, acompanha e

Quem mais torce, incentiva, acompanha e Capa esporte de pai para filho Edgard Rondina, o filho Felipe e uma paixão em comum: velejar no Lago Paranoá Por Leane Ribeiro Quem mais torce, incentiva, acompanha e muitas vezes até sofre com a carreira

Leia mais

Lista de Exercícios - Movimento em uma dimensão

Lista de Exercícios - Movimento em uma dimensão UNIVERSIDADE FEDERAL DE PELOTAS INSTITUTO DE FÍSICA E MATEMÁTICA Departamento de Física Disciplina: Física Básica II Lista de Exercícios - Movimento em uma dimensão Perguntas 1. A Figura 1 é uma gráfico

Leia mais

Informações aos pilotos

Informações aos pilotos EXTRA OFICIAL FALTA COMPLEMENTAÇÃO E MAPAS 28 ENDURO das MONTANHAS 2013 Informações aos pilotos Largadas : Sábado UTVs e QUADs 8:00 hs Shopping Serrazul Rodovia dos Bandeirantes km 72 Itupeva Nos fundos

Leia mais

REGULAMENTO DESPORTIVO

REGULAMENTO DESPORTIVO ARTIGO 1º - ORGANIZAÇÃO: A Temporada 2014 da categoria GPCKA será realizada pelo GRUPO - Circuito de Kart Amador. ARTIGO 2º - CRONOGRAMA: A Temporada 2014 será disputada em 6 etapas e as etapas estão previstas

Leia mais

RAMPA DA PENHA. Regularidade. 2 de Maio 2015 TROFÉU ACCAN / MIGUEL OLIVEIRA VISA Nº 62A/REG/2015 09.04.2015. Demoporto

RAMPA DA PENHA. Regularidade. 2 de Maio 2015 TROFÉU ACCAN / MIGUEL OLIVEIRA VISA Nº 62A/REG/2015 09.04.2015. Demoporto RAMPA DA PENHA Regularidade 2 de Maio 2015 TROFÉU ACCAN / MIGUEL OLIVEIRA VISA Nº 62A/REG/2015 09.04.2015 Rampa da Penha (Regularidade) Página 1 RAMPA DA PENHA Regularidade TROFÉU ACCAN / MIGUEL OLIVEIRA

Leia mais

Campeonato Paranaense de Motovelocidade 2014

Campeonato Paranaense de Motovelocidade 2014 Campeonato Paranaense de Motovelocidade 2014 Regulamento Técnico ART. 1 - MOTOCICLETAS E CLASSES SUPERBIKE - Pró Motocicletas acima de 980cc, motor de 4 tempos e de 04 cilindros de até 1050cc, e 3 cilindros

Leia mais

FEDERAÇÃO DE AUTOMOBILISMO DO ESTADO DE SANTA CATARINA

FEDERAÇÃO DE AUTOMOBILISMO DO ESTADO DE SANTA CATARINA FEDERAÇÃO DE AUTOMOBILISMO XXIV PROVA DE ARRANCADA INTERNACIONAL DE CAMINHÕES EM BALNEÁRIO ARROIO DO SILVA / SC 1 - DAS INSCRIÇÕES DE 13 A 16 DE MARÇO DE 2014 REGULAMENTO GERAL 1.1 - As inscrições poderão

Leia mais

R E G U L A M E N T O - 2015. COPA NORDESTE 4x4

R E G U L A M E N T O - 2015. COPA NORDESTE 4x4 R E G U L A M E N T O - 2015 COPA NORDESTE 4x4 A COPA NORDESTE DE RALLY 4x4 será regida pelo presente regulamento e pelo Código Desportivo do Automobilismo. A COPA NORDESTE DE RALLY 4x4 estará aberta a

Leia mais

CORRIDA G2 RUN CONSTRUTORA G2 KIDS/CAMINHADA/CORRIDA

CORRIDA G2 RUN CONSTRUTORA G2 KIDS/CAMINHADA/CORRIDA CORRIDA G2 RUN CONSTRUTORA G2 KIDS/CAMINHADA/CORRIDA INSCRIÇÕES LIMITADAS INSCREVA-SE ATÉ ÁS 23:59min DO DIA 19/09 OU ENQUANTO HOUVER INSCRIÇÕES NÃO DEIXE PARA ÚLTIMA HORA! Valor Público Geral (Corrida

Leia mais

Minas Olímpica/ Jogos de Minas 2015

Minas Olímpica/ Jogos de Minas 2015 Minas Olímpica/ Jogos de Minas 2015 Regulamento Específico Ciclismo Art. 1º - A competição de ciclismo do Minas Olímpica/Jogos de Minas obedecerá as regras da Confederação Brasileira de Ciclismo e Federação

Leia mais

TROFÉU BRASIL 2.015 OPEN FORCE

TROFÉU BRASIL 2.015 OPEN FORCE TROFÉU BRASIL 2.015 OPEN FORCE REGULAMENTO REGULAMENTO GERAL ITEM 1. DISPOSIÇÕES PREMILIMARES 1.1 - O presente regulamento estabelece regras que devem ser cumpridas, visando evitar, e dirimir possíveis

Leia mais

2 Quais os tipos de cinto de segurança que temos? Qual o cinto é o mais seguro?

2 Quais os tipos de cinto de segurança que temos? Qual o cinto é o mais seguro? 1 Quais são os 5 elementos da direção defensiva? 2 Quais os tipos de cinto de segurança que temos? Qual o cinto é o mais seguro? 3 O que significa DIREÇÃO DEFENSIVA? 4 Cite um exemplo de condição adversa

Leia mais

CAMPEONATO SCHIN DE KART 2014

CAMPEONATO SCHIN DE KART 2014 CAMPEONATO SCHIN DE KART 2014 JÚNIOR MENOR DE KART - ITAL SISTEM PMJK: Parágrafo 1º - Prova A duração da prova, será definido através do adendo 2 da etapa. Parágrafo 2º - Da Categoria - O Campeonato será

Leia mais

Fazer as costelas de vários mini saltos, pular em uma e quando cair pular em outra e assim em diante.

Fazer as costelas de vários mini saltos, pular em uma e quando cair pular em outra e assim em diante. Concentração e Atenção são as palavras chaves para uma pilotagem segura. Embora tenham a moto adequada, muitos pilotos apresentam deficiências, especialmente de postura, na hora de frenagem e na escolha

Leia mais

REGULAMENTO PARTICULAR DA PROVA

REGULAMENTO PARTICULAR DA PROVA RALLYE CIDADE DE PORTO ALEGRE - CPR 40 ANOS OITAVA ETAPA DO CAMPEONATO GAÚCHO DE RALLYE DE REGULARIDADE 2010 TERCEIRA ETAPA DA COPA RALLYE UNIVERSITÁRIO CPR 2010 20 DE NOVEMBRO DE 2010 PORTO ALEGRE, RS

Leia mais

9º Grande Prémio - 150 Minutos

9º Grande Prémio - 150 Minutos 9º Grande Prémio - 150 Minutos REGULAMENTO 1. Definição do percurso O 9º Grande Prémio - 150 Minutos disputar-se-á na pista de Évora, com um perímetro de 908 metros e com a largura de 7 metros e será obrigatoriamente

Leia mais

O campeonato. Era o primeiro passo para um desejo antigo e que ganhava força cada vez maior: a criação de um campeonato nacional de Spyder Race.

O campeonato. Era o primeiro passo para um desejo antigo e que ganhava força cada vez maior: a criação de um campeonato nacional de Spyder Race. Introdução Inicialmente criados para provas de longa duração, os protótipos Spyder participaram das mais diferentes provas pelo Brasil, competindo contra diversos modelos. Por existirem em grande número,

Leia mais

1º Revezamento DIVAS VENEZIANAS Regulamento Geral. 07 de agosto de 2016

1º Revezamento DIVAS VENEZIANAS Regulamento Geral. 07 de agosto de 2016 1º Revezamento DIVAS VENEZIANAS Regulamento Geral 07 de agosto de 2016 É um revezamento exclusiva para mulheres, primeira prova com este formato realizado no Brasil. Será realizado na cidade de Nova Veneza,

Leia mais

Arões/Fafe. 8 de Agosto de 2015. Regulamento Particular

Arões/Fafe. 8 de Agosto de 2015. Regulamento Particular Campeonato Nacional de Supercross Arões/Fafe 8 de Agosto de 2015 Regulamento Particular Página 1 de 6 INDICE Introdução Acessos 01. Circuito 02. Organização 03. Oficiais 04. Inscrições 05. Verificações

Leia mais

F E D E R A Ç Ã O P O R T U G U E S A D E C A N O A G E M REGULAMENTO DE VELOCIDADE

F E D E R A Ç Ã O P O R T U G U E S A D E C A N O A G E M REGULAMENTO DE VELOCIDADE F E D E R A Ç Ã O P O R T U G U E S A D E C A N O A G E M REGULAMENTO DE VELOCIDADE Em vigor a partir de 27 de Janeiro de 2010 INDICE 1. CAMPEONATO NACIONAL DE REGATAS EM LINHA... 3 2. DEFINIÇÃO... 3 3.

Leia mais

Prof. Rogério Porto. Assunto: Cinemática em uma Dimensão II

Prof. Rogério Porto. Assunto: Cinemática em uma Dimensão II Questões COVEST Física Mecânica Prof. Rogério Porto Assunto: Cinemática em uma Dimensão II 1. Um carro está viajando numa estrada retilínea com velocidade de 72 km/h. Vendo adiante um congestionamento

Leia mais

22/01/2012 Autódromo Internacional de Jacarepaguá

22/01/2012 Autódromo Internacional de Jacarepaguá 22/01/2012 Autódromo Internacional de Jacarepaguá http://trackday.oktaneclub.com/ Do Público O acesso ao evento será efetuada pelo Portão 7, com aceso fechado ao público. Para obter o acesso ao autódromo,

Leia mais

7.ª e 8.ª SÉRIES/8.º e 9.º ANOS

7.ª e 8.ª SÉRIES/8.º e 9.º ANOS 7.ª e 8.ª SÉRIES/8.º e 9.º ANOS 1. A tecla da divisão da calculadora de Arnaldo parou de funcionar, mas nem por isso ele deixou de efetuar as divisões, pois a tecla de multiplicação funciona normalmente.

Leia mais

Regulamento Particular de Prova RPP Prova 0svaldo Afonso Chitolina

Regulamento Particular de Prova RPP Prova 0svaldo Afonso Chitolina 6ª Etapa do Campeonato Gaúcho de Rally Regularidade 2008 2ª Etapa do Campeonato Alto Uruguai de Rally Regularidade 2008 Copa Posto Longo & Filhos / Grapol Móveis 06 de Setembro de 2008 em Erechim RS. Regulamento

Leia mais

Resolva os exercícios a mão.

Resolva os exercícios a mão. Lista de Exercícios de Física I Estes exercícios tem a finalidade de auxiliar os alunos nos estudos para a matéria: Física I. Resolva os exercícios a mão. Não digite, não faça copy/paste, não procure respostas

Leia mais

REGULAMENTO PARTICULAR

REGULAMENTO PARTICULAR 3ª e 4ª Etapa CAMPEONATO PARANAENSE DE MOTOVELOCIDADE - 2015 Autódromo Internacional de Curitiba - PR 01 EVENTO 3ª ETAPA CURITIBA Data: 18 DE JULHO DE 2015 Categorias: SSP TRACK DAY, SSP PRO, SBK TRACK

Leia mais

4º Campeonato Paulista de Protótipo. Turismo (Falcon e G12) 2014 REGULAMENTO DESPORTIVO PONTUAÇÃO E DESCARTES

4º Campeonato Paulista de Protótipo. Turismo (Falcon e G12) 2014 REGULAMENTO DESPORTIVO PONTUAÇÃO E DESCARTES 4º Campeonato Paulista de Protótipo Turismo (Falcon e G12) 2014 REGULAMENTO DESPORTIVO PONTUAÇÃO E DESCARTES Tabela de pontuação: O Campeonato Paulista TURISMO 2014, será disputado em 6 etapas, conforme

Leia mais

CONDIÇÕES GERAIS A Prova será regida pelo Regulamento, e aprovada pelo corredor ao inscrever-se no evento.

CONDIÇÕES GERAIS A Prova será regida pelo Regulamento, e aprovada pelo corredor ao inscrever-se no evento. CORRIDA 12h EXERCITO / MULTIESPORTIVA COMPETIÇÃO A Ultramaratona 12 Horas será uma corrida pedestre, de única etapa, com total liberdade de ritmo, a duração será de 12 HORAS, e serão declarados vencedores

Leia mais

(S.I.) = 10 + 6 3) (FP) O

(S.I.) = 10 + 6 3) (FP) O Lista Cinemática 1) (FP) Um motorista pretende realizar uma viagem com velocidade média de 90 km/h. A primeira terça parte do percurso é realizada à 50km/h e os próximos 3/5 do restante é realizado à 80

Leia mais

Campeonato de Carros Nacionais

Campeonato de Carros Nacionais Campeonato de Carros Nacionais Resumo POTENCIA Ver na lista de carros (em média, 280 CV) PESO 1.200 KG + lastro (lastro dado pelo sistema de lastro, explicado abaixo) PNEU DESPORTIVO MACIO AFINAÇAO PERMITIDA

Leia mais

Apenas os Kart s fornecidos pela Organização serão admitidos, sendo a sua atribuição às equipas efectuada mediante sorteio.

Apenas os Kart s fornecidos pela Organização serão admitidos, sendo a sua atribuição às equipas efectuada mediante sorteio. 1- DEFINIÇÃO / GENERALIDADES A SKC Secção de Karting Conquistadores do Moto Clube de Guimarães, organiza uma manifestação desportiva de kart denominada 6H Guimarães Kart Challenge. Este evento de karting

Leia mais

5. Fica reservada à AMIKA a aprovação, ou não, dos pilotos que se inscreverem, sem que haja necessidade de justificativa.

5. Fica reservada à AMIKA a aprovação, ou não, dos pilotos que se inscreverem, sem que haja necessidade de justificativa. GERAL 1. O Campeonato Brasileiro de Kart Indoor tem como criadora, idealizadora e organizadora a Associação de Amigos do Kart Amador (AMIKA) que juntamente com o Kartódromo Granja Viana realizará o evento

Leia mais

DRIVER PROFILE SérgioJimenez

DRIVER PROFILE SérgioJimenez 2015 DRIVER PROFILE SérgioJimenez Natural de Piedade (SP), Sérgio Jimenez é um dos maiores talentos revelados pelo automobilismo brasileiro nos últimos anos. Recordista de títulos no kart, onde começou

Leia mais

Campeonato Etapa Local Status Dia da Semana Data Etapa Horário da Bateria Tipo de Kart

Campeonato Etapa Local Status Dia da Semana Data Etapa Horário da Bateria Tipo de Kart ARTIGO 1º ORGANIZAÇÃO: A Temporada 2016 da categoria GPCKA KART INDOOR será realizada pelo GRUPO Circuito de Kart Amador. ARTIGO 2º CRONOGRAMA: A Temporada 2016 será disputada em 6 etapas e as etapas estão

Leia mais

vez o Campeonato Brasileiro de Rugby, após ser vice em 2000 e 1999. O Niterói Rugby fez uma boa campanha, embora

vez o Campeonato Brasileiro de Rugby, após ser vice em 2000 e 1999. O Niterói Rugby fez uma boa campanha, embora Tim Campeonato Brasileiro 2002 O São José derrotou o Bandeirantes (campeão em 2001) e venceu pela primeira vez o Campeonato Brasileiro de Rugby, após ser vice em 2000 e 1999. O Niterói Rugby fez uma boa

Leia mais

Oval Euroindy já com Calendário! www.euroindy.com

Oval Euroindy já com Calendário! www.euroindy.com Oval Euroindy já com Calendário! Apresentação Euroindy Rods Prova Oval O Euroindy, apresenta pela primeira vez em Portugal, um novo modelo de corrida automóvel em pista Oval, com veículos em fim de vida.

Leia mais

DINÂMICA 1 DE UM KART 2 Bob Bondurant (tradução de Eduardo Moreira)

DINÂMICA 1 DE UM KART 2 Bob Bondurant (tradução de Eduardo Moreira) DINÂMICA 1 DE UM KART 2 Bob Bondurant (tradução de Eduardo Moreira) Se você fizer uma lista de cada componente de seu kart cada parafuso, porca, peça do motor, componente do chassi, cabo, fio e, então,

Leia mais

SMSCROSS - Promoções e Eventos

SMSCROSS - Promoções e Eventos SMS SUPER VELOCROSS 2016 REGULAMENTO GERAL VELOCROSS. 06-01-2016 DEFINIÇÃO: Denomina-se, competição de VELOCROSS, aquelas que se desenrolam por vários tipos terrenos com trajetos pré-fixados e dificuldades

Leia mais

Gráficos: Q2)Para cada função posição x(t) diga se a aceleração é positiva, negativa ou nula.

Gráficos: Q2)Para cada função posição x(t) diga se a aceleração é positiva, negativa ou nula. UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA CATARINA-CFM DEPARTAMENTO DE FÍSICA FSC 5107 FÍSICA GERAL IA Semestre 2012.2 LISTA DE EXERCÍCIOS 2 - MOVIMENTO EM UMA DIMENSÃO Gráficos: Q1) Para cada gráfico seguinte de

Leia mais

SÃO PAULO: CAPITAL DA VELOCIDADE

SÃO PAULO: CAPITAL DA VELOCIDADE Física/Matemática SÃO PAULO: CAPITAL DA VELOCIDADE Diversos títulos foram sendo atribuídos à cidade de São Paulo durante seus mais de 500 anos de fundação, como, por exemplo, A cidade que não pode parar,

Leia mais

Meio: Jornal 10 Minutos

Meio: Jornal 10 Minutos Meio: Jornal 10 Minutos Editoria:Esporte Caderno: Cidade Data:10/7/2015 Meio: Site Globo Esporte Editoria:Esporte Hora: -- Data:10/7/2015 Link para assistir: http://globoesporte.globo.com/am/videos/t/edicoes/v/manaus-sedia-etapa-nacional-dotriathlon-do-sesc/4313441/

Leia mais

COPA DALBA DE ENDURO F.I.M. 2015

COPA DALBA DE ENDURO F.I.M. 2015 COPA DALBA DE ENDURO F.I.M. 2015 WWW.TCER.COM.BR REGULAMENTO 2015 ART.01 - PROMOTORES E ORGANIZADORES: TCER - TRAIL CLUBE ENTRE RIOS é a entidade promotora da Copa, os Moto Clubes: TRAIL CLUBE OS LAMEIROS

Leia mais

OPEN SHIMANO LATAM 2014 ROUND#2 BRASIL Inscrições até 17/09 (4ª feira)

OPEN SHIMANO LATAM 2014 ROUND#2 BRASIL Inscrições até 17/09 (4ª feira) OPEN SHIMANO LATAM 2014 ROUND#2 BRASIL Inscrições até 17/09 (4ª feira) Vídeo edição 2013 - https://www.dropbox.com/sh/5mcetfg2k3i0epz/aaaffcpqjfbykblff3fy IHa?dl=0 Dias 20 e 21 de Setembro o Open Shimano

Leia mais

I Dispositivos Gerais:

I Dispositivos Gerais: REGULAMENTO DESPORTIVO I Dispositivos Gerais: 1. ORGANIZAÇÃO DO CAMPEONATO 1.1- O Campeonato de Arrancadas para Motos 2016 será supervisionado e organizado pela comissão organizadora e promotora de eventos

Leia mais

4º RALLY ROTA SC ARAQUARI / SC REGULAMENTO PARTICULAR DE PROVA RALLY CROSS COUNTRY DE VELOCIDADE CBA CARROS E CAMINHÕES

4º RALLY ROTA SC ARAQUARI / SC REGULAMENTO PARTICULAR DE PROVA RALLY CROSS COUNTRY DE VELOCIDADE CBA CARROS E CAMINHÕES 4º RALLY ROTA SC ARAQUARI / SC REGULAMENTO PARTICULAR DE PROVA RALLY CROSS COUNTRY DE VELOCIDADE CBA CARROS E CAMINHÕES 5ª E 6ª PROVAS DO CAMPEONATO BRASILEIRO DE RALLY CROSS COUNTRY DE VELOCIDADE 02 a

Leia mais

Lista de Exercícios de Recuperação do 1 Bimestre

Lista de Exercícios de Recuperação do 1 Bimestre Lista de Exercícios de Recuperação do 1 Bimestre Instruções gerais: Resolver os exercícios à caneta e em folha de papel almaço ou monobloco (folha de fichário). Copiar os enunciados das questões. Entregar

Leia mais

Agrupamento de Escolas Pioneiras da Aviação Portuguesa EB1/JI Vasco Martins Rebolo

Agrupamento de Escolas Pioneiras da Aviação Portuguesa EB1/JI Vasco Martins Rebolo Era uma vez a família Rebolo, muito simpática e feliz que vivia na Amadora. Essa família era constituída por quatro pessoas, os pais Miguel e Natália e os seus dois filhos Diana e Nuno. Estávamos nas férias

Leia mais

Ver e ser visto no trânsito

Ver e ser visto no trânsito matéria de capa Ver e ser visto no trânsito CESVI realizou estudo para apontar as condições em que pedestres, motos e carros são mais bem visualizados à noite Por José Antonio Oka Segurança Viária Ver

Leia mais

Trilhas e Passeios em Cunha:

Trilhas e Passeios em Cunha: Trilhas e Passeios em Cunha: CIRCUITO MONJOLO Cachoeira do Pimenta Distância: 12km (a partir do centro de Cunha) Percurso: Estrada do Monjolo - 8km em estrada de terra e 4km com calçamento (trechos íngremes)

Leia mais

Um jogo de Eric RANDALL e Laurent LAVAUR 2010 PLAY MACHINES

Um jogo de Eric RANDALL e Laurent LAVAUR 2010 PLAY MACHINES Um jogo de Eric RANDALL e Laurent LAVAUR 2010 PLAY MACHINES 2 COMEÇAR POR AQUI Objectivo do Jogo Formula D é um jogo de corridas de automóveis. O objectivo de cada jogador é ganhar uma corrida (de uma

Leia mais

- Sinal de transito agora só em Angra comentou Sandrinha, minha esposa.

- Sinal de transito agora só em Angra comentou Sandrinha, minha esposa. Angra dos Reis Agosto 2013 Depois da viagem a Londres, Lisboa, Praga e Genebra, esta seria a primeira travessia marítima que eu iria participar. Como o pessoal do grupo Maratonas Aquáticas tinha conseguido

Leia mais

F-128 Física Geral I 2 o Semestre 2012 LISTA DO CAPÍTULO 2

F-128 Física Geral I 2 o Semestre 2012 LISTA DO CAPÍTULO 2 Questão 1 Um motorista de um carro que vai 52 km/h freia, desacelera uniformemente e para em 5 segundos. Outro motorista, que vai a 34 km/h, freia mais suavemente, e para em 10 segundos. Represente em

Leia mais

O celeiro das feras da

O celeiro das feras da velocidade O celeiro das feras da fórmula1 Conheça o berçário dos melhores pilotos do mundo e descubra quem serão os próximos a despontar nas pistas mais importantes do automobilismo. texto e fotos Valeria

Leia mais

FÍSICA I LISTA 5 DIVERSOS EXERCÍCIOS GABARITO Orientação para V2 e VS 1. Um ônibus passa pelo km 30 de uma rodovia às 6 h, e às 9 h 30 min passa

FÍSICA I LISTA 5 DIVERSOS EXERCÍCIOS GABARITO Orientação para V2 e VS 1. Um ônibus passa pelo km 30 de uma rodovia às 6 h, e às 9 h 30 min passa FÍSICA I LISTA 5 DIVERSOS EXERCÍCIOS GABARITO Orientação para V2 e VS. Um ônibus passa pelo km 30 de uma rodovia às 6 h, e às 9 h 30 min passa pelo km 240. Determine: a) a velocidade escalar média desenvolvida

Leia mais

XXVII COPA NORDESTE DE CICLISMO - 2015

XXVII COPA NORDESTE DE CICLISMO - 2015 CONFEDERAÇÃO BRASILEIRA DE CICLISMO XXVII COPA NORDESTE DE CICLISMO - 2015 Art. 1º - REGULAMENTO OBJETIVO Com o objetivo de desenvolver e difundir o ciclismo em toda a Região Nordeste, bem como proporcionar

Leia mais

REGULAMENTO PARTICULAR DE PROVA

REGULAMENTO PARTICULAR DE PROVA REGULAMENTO PARTICULAR DE PROVA Art. 1º = DEFINIÇÃO DA PROVA 2º Etapa do Campeonato Brasileiro de Arrancada 402 m 2º Etapa do Campeonato Velopark Series de Arrancada 2016. Art. 2º = ORGANIZAÇÃO As provas

Leia mais

AUTÓDROMO INTERNACIONAL DE GUAPORÉ

AUTÓDROMO INTERNACIONAL DE GUAPORÉ I II AUTÓDROMO INTERNACIONAL DE GUAPORÉ Art. 1º - Informações Específicas da Prova: NOME DA PROVA Campeonato Brasileiro de Endurance 2011 Copa das Federações Campeonato Gaúcho de Endurance Campeonato Gaúcho

Leia mais

Universidade Estadual de Mato Grosso do Sul - UEMS 1 a LISTA DE EXERCÍCIOS DE MECÂNICA - NOTURNO. Sejam 3 vetores a, b e c dados por.

Universidade Estadual de Mato Grosso do Sul - UEMS 1 a LISTA DE EXERCÍCIOS DE MECÂNICA - NOTURNO. Sejam 3 vetores a, b e c dados por. Universidade Estadual de Mato Grosso do Sul - UEMS 1 a LISTA DE EXERCÍCIOS DE MECÂNICA - NOTURNO Questão 1 Sejam 3 vetores a, b e c dados por a = (2, 1, 3), b = ( 1, 1, 0) e c = (0, 2, 1). Determine: a)

Leia mais

CAMPEONATO NACIONAL KARTING TROFÉU ANTÓNIO DINIS TROFÉU FIGUEIREDO E SILVA

CAMPEONATO NACIONAL KARTING TROFÉU ANTÓNIO DINIS TROFÉU FIGUEIREDO E SILVA CAMPEONATO NACIONAL KARTING TROFÉU ANTÓNIO DINIS TROFÉU FIGUEIREDO E SILVA CIRCUITO DE PORTIMÃO 2016 REGULAMENTO PARTICULAR DA PROVA VISA Nº 079/2016 em 06/05/2016 Art. 1 - DEFINIÇÃO/GENERALIDADES 1.1.

Leia mais

REGULAMENTO DESPORTIVO ARTIGO 1 DESCRIÇÃO E DEFINIÇÕES DO EVENTO

REGULAMENTO DESPORTIVO ARTIGO 1 DESCRIÇÃO E DEFINIÇÕES DO EVENTO REGULAMENTO DESPORTIVO ARTIGO 1 DESCRIÇÃO E DEFINIÇÕES DO EVENTO 1.1 A prova 500 MILHAS BRASIL será realizada no Autódromo José Carlos Pace Interlagos São Paulo SP Brasil. 1.2 Data de Realização: A prova

Leia mais

O maior público já presente nos autódromos do país

O maior público já presente nos autódromos do país O maior público já presente nos autódromos do país Média de 540.000 pessoas nos autódromos Mais de 3.500.000 de pessoas impactadas pela Televisão - Por etapa Mais de 59.400 pessoas curtem o Facebook da

Leia mais

Informativo 06. Com o objetivo de melhorar o formato da competição Baja SAE BRASIL Etapa Sul a edição de 2015 esta trazendo algumas modificações.

Informativo 06. Com o objetivo de melhorar o formato da competição Baja SAE BRASIL Etapa Sul a edição de 2015 esta trazendo algumas modificações. Informativo 06 São Paulo, 04 de novembro de 2015 Ref.: Número do Carro. REF.: PROVAS COMPETIÇÃO BAJA SUL Com o objetivo de melhorar o formato da competição Baja SAE BRASIL Etapa Sul a edição de 2015 esta

Leia mais

OS PRINCÍPIOS DO ENDURO

OS PRINCÍPIOS DO ENDURO OS PRINCÍPIOS DO ENDURO Uma prova divide-se em roteiro e navegação, sendo: Roteiro: Seguir corretamente o trajeto estabelecido pela organização; Navegação: Percorrer o caminho no tempo e média horária

Leia mais

Relato de parto: Nascimento do Thomas

Relato de parto: Nascimento do Thomas Relato de parto: Nascimento do Thomas Dia 15 de dezembro de 2008, eu já estava com 40 semanas de gestação, e ansiosa para ter meu bebê nos braços, acordei as 7h com uma cólica fraca, dormi e não senti

Leia mais

SUPER KART BRASIL SKB 09. Kartódromo de Interlagos São Paulo- SP 24, 25, 26 e 27 de Janeiro de 2013. REGULAMENTO DESPORTIVO

SUPER KART BRASIL SKB 09. Kartódromo de Interlagos São Paulo- SP 24, 25, 26 e 27 de Janeiro de 2013. REGULAMENTO DESPORTIVO SUPER KART BRASIL SKB 09 Kartódromo de Interlagos São Paulo- SP 24, 25, 26 e 27 de Janeiro de 2013. REGULAMENTO DESPORTIVO Art. 1o DO EVENTO O Super Kart Brasil realizará nos dias 24, 25, 26 e 27 de Janeiro

Leia mais

COMUNICADO 1ª ETAPA POR MOTIVOS DE SEGURANÇA, A ORGANIZAÇÃO DECIDIU PROCEDER À SEGUINTE ALTERAÇÃO:

COMUNICADO 1ª ETAPA POR MOTIVOS DE SEGURANÇA, A ORGANIZAÇÃO DECIDIU PROCEDER À SEGUINTE ALTERAÇÃO: COMUNICADO 1ª ETAPA COLÉGIO DE COMISSÁRIOS: NADA A ASSINALAR. COMUNICADO DA ORGANIZAÇÃO: ALTERAÇÃO AO CIRCUITO DA TARDE: POR MOTIVOS DE SEGURANÇA, A ORGANIZAÇÃO DECIDIU PROCEDER À SEGUINTE ALTERAÇÃO: -

Leia mais

EBAND JORNALISMO ESPORTE ENTRETENIMENTO COLUNISTAS BLOGS VIDEOS

EBAND JORNALISMO ESPORTE ENTRETENIMENTO COLUNISTAS BLOGS VIDEOS 1 de 9 10/2/2010 09:50 EBAND JORNALISMO ESPORTE ENTRETENIMENTO COLUNISTAS BLOGS VIDEOS Marcondes Brito OK Futebol etcetera Página Inicial Sobre o Autor Type text to search here... Página Inicial > Outros

Leia mais

UMA ESCOLA DE MARCHA EM RIO MAIOR? Jorge Miguel Treinador

UMA ESCOLA DE MARCHA EM RIO MAIOR? Jorge Miguel Treinador UMA ESCOLA DE MARCHA EM RIO MAIOR? Jorge Miguel Treinador A MINHA FILOSOFIA DE TREINADOR Estar sempre motivado Motivar os atletas e dar-lhes objectivos realistas Procurar condições de treino e estabilidade

Leia mais

O momento do gol. Parece muito fácil marcar um gol de pênalti, mas na verdade o espaço que a bola tem para entrar é pequeno. Observe na Figura 1:

O momento do gol. Parece muito fácil marcar um gol de pênalti, mas na verdade o espaço que a bola tem para entrar é pequeno. Observe na Figura 1: O momento do gol A UU L AL A Falta 1 minuto para terminar o jogo. Final de campeonato! O jogador entra na área adversária driblando, e fica de frente para o gol. A torcida entra em delírio gritando Chuta!

Leia mais