Development Case. Project: VENSSO. Data 27/05/2005. Vesões do Documento 2.00

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Development Case. Project: VENSSO. Data 27/05/2005. Vesões do Documento 2.00"

Transcrição

1 Project: VNSSO Data 27/05/2005 Responsável Documento ID Localização Ana Paula Cavalcanti VNSSO_PRC_ <location to access at CVS or URL> Vesões do Documento 2.00

2 VNSSO_PRO_ Histórico de Date Versão Autor Descrição 27/05/ Ana Paula laboração do documento Silvia 01/06/ Ana Paula Ajustes para fechamento da fase planning. 07/06/ Ana Paula Ajustes para fechamento da fase design. Project VNSSO Page 2 of 10

3 VNSSO_PRO_ Revisores Name Role Date Ana Paula Cavalcanti SQA 07/06/2005 Damires Fernandes Gerente do Projeto 07/06/2005 Project VNSSO Page 3 of 10

4 VNSSO_PRO_ Sumário 1. Introdução Visão Geral Modelo do Ciclo de Vida Artifacts Atividades versus Papéis Gerente de Projeto SQA (Software Quality Assurance) Analista de Sistemas Arquiteto de Software Administrador do Banco de Dados ngenheiro de Software ngenheiro de Configuração ngenheiro de Teste Plano de Garantia da Qualidade Plano Cronograma de Atividades Lições Aprendidas Project VNSSO Page 4 of 10

5 VNSSO_PRO_ Introdução O propósito deste documento é descrever o processo de desenvolvimento de software que será aplicado ao projeto VNSSO. ste documento fornece a instanciação do IXI Process de acordo com as características específicas do projeto em questão. 2. Visão Geral 2.1. Modelo do Ciclo de Vida O ciclo de vida abordado no Projeto será iterativo e incremental estruturado de acordo com as cinco fases do processo de desenvolvimento, como mostra a figura 1. Feasibility Planning Design Construction Closing Figura 1: Fases do ciclo de desenvolvimento Os objetivos específicos a serem atingidos em cada fase estão descritos na tabela a seguir. Fase Objetivos Resultados sperados (s) Feasibility stabelecer o escopo do projeto; 1. Documento de Requisitos; stimar o custo e cronograma geral do projeto; 2. Proposta. Definir a proposta do projeto e negociar com o cliente. Planning Mitigar os riscos relacionados ao escopo do projeto; Detalhar os casos de uso críticos do sistema; Design stabelecer um projeto de arquitetura estável 1. Documento de Requisitos; 2. Plano do Projeto 3. Modelo de desenvolvimento; 4. Plano de Configuração; 5. Protótipo; 6. Repositório. 1. Documento de Requisitos; 2. Plano do Projeto 3. Modelo de desenvolvimento; 4. Repositório. 5. Casos de Uso do Sistema; 6. Diretrizes de Programação; Project VNSSO Page 5 of 10

6 VNSSO_PRO_ Construction Minimizar os riscos relacionados ao custo do desenvolvimento. Closing Garantir que o software está disponível para seus usuários finais. 7. Modelo do projeto; 8. Componentes; 9. Casos de Testes do Sistema; 10. Plano de Testes; 11. Lista de Atividades de Codificação. 1. Documento de Requisitos; 2. Plano do Projeto 3. Modelo de desenvolvimento; 4. Repositório. 5. Casos de Uso do Sistema; 6. Plano de Testes; 7. Modelo do projeto; 8. Lista de Atividades de Codificação; 9. Relatórios de Testes do Sistema; 10. Unidade de Implantação; 11. Componentes; 1. Documento de Requisitos; 2. Plano do Projeto 3. Modelo de desenvolvimento; 4. Relatórios de Testes do Sistema; 5. Lista de Atividades de Codificação; Legenda: laborado Refinado 2.2. Artifacts sta seção descreve, na tabela abaixo, como os artefatos serão utilizados. Nome da Coluna Propósito xplicação da Tabela Conteúdo / Comentários Project VNSSO Page 6 of 10

7 VNSSO_PRO_ s da Definir o nível e procedimentos de revisão aplicados ao artefato. Definir a ferramenta utilizada para produzir o artefato. Nível da revisão: 3. Atividades versus Papéis Fornece uma descrição das responsabilidades e artefatos de acordo com um determinado papel no ciclo de vida do processo Gerente de Projeto Proposta Documento de Requisitos Plano de Projeto R R R 3.2. SQA (Software Quality Assurance) Modelo de Desenvolvimento R R R 3.3. Analista de Sistemas Documento de Requisitos Casos de Uso do Sistema R R R R 3.4. Arquiteto de Software Project VNSSO Page 7 of 10

8 VNSSO_PRO_ Plano de Projeto Modelo de Projeto R 3.5. Projetista do Banco de Dados Modelo de Projeto R 3.6. ngenheiro de Software Protótipo Componente R R Diretrizes de Programação Lista de Atividades de Codificação R R 3.7. ngenheiro de Configuração Plano de Configuração Repositório de Projeto Unidade de Implantação Release Notes Instalador Manual de Instalação R Pode Ter Pode Ter 3.8. ngenheiro de Teste Plano de Teste Relatório de Teste do Sistema R R Project VNSSO Page 8 of 10

9 VNSSO_PRO_ Plano de Garantia da Qualidade 4.1. Plano O plano de garantia da qualidade aborda as atividades: Avaliação do processo Avaliação dos produtos de trabalho e serviços Atividade Procedimento Resultados sperados Responsável milestone de fase planning. Validação dos artefatos. Milestone: escopo fechado, documento de requisitos Ana Paula milestone de fase Design. milestone de fase Construction. milestone de fase Closing. Validação dos artefatos. Milestone: protótipo apresentado Milestone: componentes implementados Milestone: sistema entregue pro cliente Ana Paula 4.2. Cronograma de Atividades Cronograma das atividades de garantia da qualidade, avaliação do processo e produtos de trabalho. Atividade Data Não Conformidade Ação Corretiva 01/06/05 Repositório não implantado ainda milestone de fase Planning. milestone de fase Design. 07/06/2005 Protótipo de telas não elaborado Diretrizes de programação não definidas. Repositório não implantado ainda Recurso alocado para definição do repositório e ferramentas. Recurso alocado. Utilizar um padrão existente disponível para o CIn. Recurso alocado para implantar repositório no Tigres. Project VNSSO Page 9 of 10

10 VNSSO_PRO_ Lista de Atividades de programação não definida. Casos de Testes não elaborados. Recurso alocado para definir a lista e avaliar ferramenta para integrar as informações. Damires Lições Aprendidas Protótipo deve ser considerado um release apenas na fase de Planning. Casos de testes não serão elaborados no piloto devido ao escopo do projeto. Project VNSSO Page 10 of 10

Documento de Requisitos

Documento de Requisitos Documento de Requisitos Projeto: Data 26/05/2005 Responsável Autor (s) Doc ID Localização Versão do Template Márcia Jacyntha Nunes Rodrigues Lucena Silvia Cássia Pereira Márcia Jacyntha Nunes Rodrigues

Leia mais

ARCO - Associação Recreativa dos Correios. Sistema para Gerenciamento de Associações Recreativas Plano de Desenvolvimento de Software Versão <1.

ARCO - Associação Recreativa dos Correios. Sistema para Gerenciamento de Associações Recreativas Plano de Desenvolvimento de Software Versão <1. ARCO - Associação Recreativa dos Correios Sistema para Gerenciamento de Associações Recreativas Versão Histórico da Revisão Data Versão Descrição Autor Página

Leia mais

Processo Unificado (RUP)

Processo Unificado (RUP) Fases do Desenvolvimento Processo Unificado (RUP) Ulf Bergmann ulf@ime.eb.br Domínio do Problema Objetos Objetos do do Mundo Mundo real real Modelo Semântico Domínio da Solução Aplicação Interface Serviços

Leia mais

INSTRUÇÃO DE SERVIÇO PARA ELABORAÇÃO DE PLANOS GERAIS DE PROJETOS DE SISTEMAS OU APLICATIVOS

INSTRUÇÃO DE SERVIÇO PARA ELABORAÇÃO DE PLANOS GERAIS DE PROJETOS DE SISTEMAS OU APLICATIVOS INSTRUÇÃO DE SERVIÇO PARA ELABORAÇÃO DE PLANOS GERAIS DE PROJETOS DE SISTEMAS OU APLICATIVOS IS-CGMI-02/2005 Aprovada pela Portaria nº 1494 de 22/11/2005 Histórico de Versões Data Versão Descrição Autor

Leia mais

PDS - DATASUS. Processo de Desenvolvimento de Software do DATASUS

PDS - DATASUS. Processo de Desenvolvimento de Software do DATASUS PDS - DATASUS Processo de Desenvolvimento de Software do DATASUS Coordenação Geral de Arquitetura e Engenharia Tecnológica Coordenação de Padronização e Qualidade de Software Gerência de Padrões e Software

Leia mais

A Disciplina Gerência de Projetos

A Disciplina Gerência de Projetos A Disciplina Gerência de Projetos Atividades, Artefatos e Responsabilidades hermano@cin.ufpe.br Objetivos Apresentar atividades da disciplina Gerência de Projetos Discutir os artefatos e responsáveis envolvidos

Leia mais

VANT-EC-SAME. Software de Suporte do VANT V-SUP Caso de Desenvolvimento Versão 1.0

VANT-EC-SAME. Software de Suporte do VANT V-SUP Caso de Desenvolvimento Versão 1.0 VANT-EC-SAME Software de Suporte do VANT V-SUP Caso de Desenvolvimento Versão 1.0 Histórico da Revisão Data Versão Descrição Autor 17/0/07 1.0 Versão Inicial Douglas Moura Confidencial VANT-EC-SAME, 2007

Leia mais

O que é um processo de software?

O que é um processo de software? O que é um processo de software? Um conjunto de atividades realizadas por pessoas cujo objetivo é desenvolvimento ou evolução de software e sua documentação. Atividades genéricas em todos os processos:

Leia mais

Metodologia de Gestão e Desenvolvimento de Software. Coordenação Geral de Tecnologia da Informação

Metodologia de Gestão e Desenvolvimento de Software. Coordenação Geral de Tecnologia da Informação Metodologia de Gestão e Desenvolvimento de Software Coordenação Geral de Tecnologia da Informação 2 Índice 1. Processos Organizacionais... 7 1.1. A gestão da demanda... 7 1.2. e Responsabilidades... 7

Leia mais

MDMS-ANAC. Metodologia de Desenvolvimento e Manutenção de Sistemas da ANAC. Superintendência de Tecnologia da Informação - STI

MDMS-ANAC. Metodologia de Desenvolvimento e Manutenção de Sistemas da ANAC. Superintendência de Tecnologia da Informação - STI MDMS-ANAC Metodologia de Desenvolvimento e Manutenção de Sistemas da ANAC Superintendência de Tecnologia da Informação - STI Histórico de Alterações Versão Data Responsável Descrição 1.0 23/08/2010 Rodrigo

Leia mais

Nome da Empresa. Plano de Desenvolvimento de Software. Versão <1.0>

Nome da Empresa. <Nome do Projeto> Plano de Desenvolvimento de Software. Versão <1.0> Nome da Empresa Plano de Desenvolvimento de Software Versão Histórico de Revisões Data Versão Descrição Autor 2/7 Índice Analítico 1. Objetivo

Leia mais

Plano de Projeto G Stock. G Stock. Plano de Projeto. Versão 1.0

Plano de Projeto G Stock. G Stock. Plano de Projeto. Versão 1.0 Plano de Projeto G Stock Plano de Projeto G Stock Versão 1.0 Histórico das Revisões Data Versão Descrição Autores 10/09/2010 1.0 Descrição inicial do plano de projeto Denyson José Ellís Carvalho Isadora

Leia mais

Implantando um Programa de Melhoria de Processo: Uma Experiência Prática

Implantando um Programa de Melhoria de Processo: Uma Experiência Prática Implantando um Programa de Melhoria de Processo: Uma Experiência Prática Evandro Polese Alves Ricardo de Almeida Falbo Departamento de Informática - UFES Av. Fernando Ferrari, s/n, Vitória - ES - Brasil

Leia mais

PROJETO DE FÁBRICA DE SOFTWARE

PROJETO DE FÁBRICA DE SOFTWARE FACULDADE SETE DE SETEMBRO FASETE Departamento de Sistemas de Informação PROJETO DE FÁBRICA DE SOFTWARE Denise Xavier Fortes Paulo Afonso BA Agosto/2015 Sumário 1. INTRODUÇÃO... 3 2. PERFIS FUNCIONAIS...

Leia mais

METODOLOGIA DE DESENVOLVIMENTO DE SISTEMAS

METODOLOGIA DE DESENVOLVIMENTO DE SISTEMAS PODER JUDICIÁRIO JUSTIÇA DO TRABALHO TRIBUNAL REGIONAL DO TRABALHO DA 11ª REGIÃO SECRETARIA DE TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO - SETI Versão 1.0 MANAUS-AM (2010) MDS Metodologia de Desenvolvimento de Sistemas

Leia mais

Planejamento Iterativo

Planejamento Iterativo Planejamento Iterativo Planejando as Fases e Iterações Hermano Perrelli hermano@cin.ufpe.br 1 Revisando Processo iterativo Req A&P Imp I/T Imp Req A&P Imp I/T Imp Req A&P Imp I/T Imp Iteração 1 Iteração

Leia mais

O Rational Unified Process (RUP) é um processo de desenvolvimento de software inspirado no

O Rational Unified Process (RUP) é um processo de desenvolvimento de software inspirado no 1.1 RATIONAL UNIFIED PROCESS (RUP) O Rational Unified Process (RUP) é um processo de desenvolvimento de software inspirado no processo que atende pelo nome de Processo Unificado (ou UP do inglês Unified

Leia mais

Engenharia de Software Aula 8 (Versão 2010-02)

Engenharia de Software Aula 8 (Versão 2010-02) Engenharia de Software Aula 8 (Versão 2010-02) As melhores práticas de Engenharia de Software: Verificar Continuamente a Qualidade do Software Controlar Mudanças de Software Professor Gabriel Baptista

Leia mais

Engenharia de Software. Parte I. Introdução. Metodologias para o Desenvolvimento de Sistemas DAS 5312 1

Engenharia de Software. Parte I. Introdução. Metodologias para o Desenvolvimento de Sistemas DAS 5312 1 Engenharia de Software Parte I Introdução Metodologias para o Desenvolvimento de Sistemas DAS 5312 1 Mitos do Desenvolvimento de Software A declaração de objetivos é suficiente para se construir um software.

Leia mais

2.12- Criação/Implantação de Processo de Garantia da Qualidade para Empresas de Software de Pequeno Porte

2.12- Criação/Implantação de Processo de Garantia da Qualidade para Empresas de Software de Pequeno Porte 2.12- Criação/Implantação de Processo de Garantia da Qualidade para Empresas de Software de Pequeno Porte O MPS.BR tem como foco, ainda que não exclusivo, atender a micro, pequenas e médias empresas de

Leia mais

Engenharia de Software. Apostila I >>> Introdução à ES - HEngholmJr

Engenharia de Software. Apostila I >>> Introdução à ES - HEngholmJr Engenharia de Software Apostila I >>> Introdução à ES - HEngholmJr Histórico de Revisões Data Versão Descrição Autor 12/08/2014 1.0 Criação da primeira versão HEngholmJr Agenda Introdução à Engenharia

Leia mais

Dados do Projeto. Nome do Projeto. Fingerprint Access Users. Data de Inicialização 14/04/2012

Dados do Projeto. Nome do Projeto. Fingerprint Access Users. Data de Inicialização 14/04/2012 Fábrica de Software Dados do Projeto Nome do Projeto Data de Inicialização Responsáveis Autores Fingerprint Access Users 14/04/2012 Adriana Lima de Almeida, Espedito Alves Leal, Jaciel Dias de Souza, Samuel

Leia mais

! Introdução. " Motivação para Processos de Software. ! Processo Unificado (USDP) " Definições " RUP x USDP " Características do Processo Unificado

! Introdução.  Motivação para Processos de Software. ! Processo Unificado (USDP)  Definições  RUP x USDP  Características do Processo Unificado Agenda! Introdução " Motivação para Processos de Software! (USDP) " Definições " RUP x USDP " Características do! Descrição detalhada do! Processos Derivados! Templates simplificados! Conclusões 2 Processo

Leia mais

MANUAL TÉCNICO PARA METODOLOGIA DE DESENVOLVIMENTO DE SOFTWARE DO EXÉRCITO

MANUAL TÉCNICO PARA METODOLOGIA DE DESENVOLVIMENTO DE SOFTWARE DO EXÉRCITO MINISTÉRIO DA DEFESA EXÉRCITO BRASILEIRO DEPARTAMENTO DE CIÊNCIA E TECNOLOGIA MANUAL TÉCNICO PARA METODOLOGIA DE DESENVOLVIMENTO DE SOFTWARE DO EXÉRCITO 1ª Edição 2012 MINISTÉRIO DA DEFESA EXÉRCITO BRASILEIRO

Leia mais

PLANO DE GERANCIAMENTO DO RELEASE Release: 515.05

PLANO DE GERANCIAMENTO DO RELEASE Release: 515.05 Release: 515.05 Versão Data Descrição da Versão Autor 1.0 28/02/15 Versão inicial dos Produtos PRONIM Roberto Bonanomi 1.1 18/03/15 Atualizado Riscos, texto abaixo das entregas do GP e Correção data de

Leia mais

Tópicos Especiais em Engenharia de Software

Tópicos Especiais em Engenharia de Software Tópicos Especiais em Engenharia de Software andre@faccamp.br Ian Sommerville 2000 - Software Engineering, 6th edition Slide 1 Tópicos Especiais em Engenharia de Software Gerenciamento de Projeto de Software

Leia mais

Clientes gerentes Usuarios finais do sistema Clientes engenheiros Gerentes contratantes Arquitetos do sistema. Definicao de requisitos

Clientes gerentes Usuarios finais do sistema Clientes engenheiros Gerentes contratantes Arquitetos do sistema. Definicao de requisitos А А А А Definicao de de do software Clientes gerentes Usuarios finais Clientes engenheiros Gerentes contratantes Arquitetos Usuarios finais Clientes engenheiros Arquitetos Desenvolvedores de software Clientes

Leia mais

ANEXO IA ÁREA COMPARTILHADA DE TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO ACTI

ANEXO IA ÁREA COMPARTILHADA DE TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO ACTI ANEXO IA ÁREA COMPARTILHADA DE TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO ACTI Metodologia e Acompanhamento dos Projetos ACTI MAPA Versão 5.1 Histórico da Revisão Data Versão Autor 06/11/2008 5.1.0 Versão inicial do documento.

Leia mais

Plano de Projeto. 1. Introdução. 2. Escopo do Projeto. Projeto: Biblioteca Central da UFES. Versão: 2.0. Responsável: Ricardo de Almeida Falbo

Plano de Projeto. 1. Introdução. 2. Escopo do Projeto. Projeto: Biblioteca Central da UFES. Versão: 2.0. Responsável: Ricardo de Almeida Falbo Plano de Projeto Projeto: Biblioteca Central da UFES Versão: 2.0 Responsável: Ricardo de Almeida Falbo 1. Introdução Este documento apresenta a versão 2.0 do Plano de Projeto para o projeto de desenvolvimento

Leia mais

Metodologia e Gerenciamento do Projeto na Fábrica de Software

Metodologia e Gerenciamento do Projeto na Fábrica de Software .:: Universidade Estadual de Maringá Bacharelado em Informática Eng. de Software III :. Sistema de Gerenciamento de Eventos - Equipe 09 EPSI Event Programming System Interface Metodologia e Gerenciamento

Leia mais

Engenharia de Software

Engenharia de Software Engenharia de Software Conceitos e Metodologias para Desenvolvimento de Software Cascata, Prototipação, Espiral e RUP Prof. MSc. Edilberto Silva prof.edilberto.silva@gmail.com http://www.edilms.eti.br

Leia mais

Especialização em Engenharia de Software e Banco de Dados

Especialização em Engenharia de Software e Banco de Dados Especialização em Engenharia de Software e Banco de Dados Disciplina: Engenharia de Software Tópico: Modelos de Ciclo de Vida Prof. Rodolfo Miranda de Barros rodolfo@uel.br Ciclo de Vida A Engenharia de

Leia mais

Metodologia de Desenvolvimento de Sistemas (MDS - ANEEL)

Metodologia de Desenvolvimento de Sistemas (MDS - ANEEL) Metodologia de Desenvolvimento de Sistemas (MDS - ANEEL) Versão 2.0 Escritório de Gerenciamento de Projetos - EGP Superintendência da Gestão Técnica da Informação SGI Agência Nacional de Energia Elétrica

Leia mais

DESENVOLVIMENTO DE SISTEMAS

DESENVOLVIMENTO DE SISTEMAS Agência Nacional de Vigilância Sanitária METODOLOGIA DE DESENVOLVIMENTO DE SISTEMAS GGTIN GESIS Brasília, julho de 2006. Página: 1 Histórico de Revisões Data Versão Descrição Autor 12/06/2006 1.0.00 Criação

Leia mais

Padronização de Documentação de Sistemas. Projeto a ser desenvolvido no âmbito da Gerência de Sistemas/GGTIN e ANVISA

Padronização de Documentação de Sistemas. Projeto a ser desenvolvido no âmbito da Gerência de Sistemas/GGTIN e ANVISA Agência Nacional de Vigilância Sanitária Padronização de Documentação de Sistemas Projeto a ser desenvolvido no âmbito da Gerência de Sistemas/GGTIN e ANVISA Brasília, junho de 2006. 1. IDENTIFICAÇÃO DO

Leia mais

Visão Geral das Áreas de Conhecimento e dos Processos da Gerência de Projetos

Visão Geral das Áreas de Conhecimento e dos Processos da Gerência de Projetos Visão Geral das Áreas de Conhecimento e dos Processos da Gerência de Projetos GERÊNCIA DE INTEGRAÇÃO GERÊNCIA DO ESCOPO GERÊNCIA DO TEMPO GERÊNCIA DE CUSTO GERÊNCIA DA QUALIDADE Desenvolvimento do Plano

Leia mais

Visão Geral do RUP Rational Unified Process. Jorge Fernandes UFRN Junho de 2002

Visão Geral do RUP Rational Unified Process. Jorge Fernandes UFRN Junho de 2002 Visão Geral do RUP Rational Unified Process Jorge Fernandes UFRN Junho de 2002 Resumo do Artigo de Krutchen O que é o RUP? 6 Práticas Comprovadamente Efetivas Desenvolvimento Interativo Gestão de Requisitos

Leia mais

Fundamentos de Teste de Software

Fundamentos de Teste de Software Núcleo de Excelência em Testes de Sistemas Fundamentos de Teste de Software Módulo 3 Planejamento e Aula 8 do Projeto Aula 08 do Projeto SUMÁRIO INTRODUÇÃO... 3 ACOMPANHAMENTO DO PROJETO... 3 1. do Progresso...

Leia mais

Programa do Módulo 2. Processo Unificado: Visão Geral

Programa do Módulo 2. Processo Unificado: Visão Geral 9.1 Programa do Módulo 2 Orientação a Objetos Conceitos Básicos Análise Orientada a Objetos (UML) O Processo Unificado (RUP) Processo Unificado: Visão Geral 9.2 Encaixa-se na definição geral de processo:

Leia mais

Implantação dos Processos Gerência de Projeto e Medição com Auxílio de Ferramenta Baseada em Planilhas Carlos Simões Claudia Lasmar Gleison Santos

Implantação dos Processos Gerência de Projeto e Medição com Auxílio de Ferramenta Baseada em Planilhas Carlos Simões Claudia Lasmar Gleison Santos Implantação dos Processos Gerência de Projeto e Medição com Auxílio de Ferramenta Baseada em Planilhas Carlos Simões Claudia Lasmar Gleison Santos Agenda: Carlos Simões cs@synapsisbrasil.com.br carlossimoes@cos.ufrj.br

Leia mais

Oniria. Fictional Character Organizing System. Plano de Projeto. Versão <1.0>

Oniria. Fictional Character Organizing System. Plano de Projeto. Versão <1.0> Oniria Fictional Character Organizing System Plano de Projeto Versão Histórico das Revisões Data Versão Descrição Autor Descrição inicial do plano de projeto Matheus Luck Lucas

Leia mais

Atendimento CREA-RO. Plano de Desenvolvimento de Software. Histórico das Reuniões do Grupo

Atendimento CREA-RO. Plano de Desenvolvimento de Software. Histórico das Reuniões do Grupo Plano de Desenvolvimento de Software Histórico das Reuniões do Grupo Data Descrição Integrantes O que foi deliberado. 1 Índice Analítico 1. Introdução 3 1.1 Finalidade 3 1.2 Escopo 3 1.3 Visão geral 3

Leia mais

Agilidade parte 3/3 - Scrum. Prof. Dr. Luís Fernando Fortes Garcia luis@garcia.pro.br

Agilidade parte 3/3 - Scrum. Prof. Dr. Luís Fernando Fortes Garcia luis@garcia.pro.br Agilidade parte 3/3 - Scrum Prof. Dr. Luís Fernando Fortes Garcia luis@garcia.pro.br 1 Scrum Scrum? Jogada do Rugby Formação de muralha com 8 jogadores Trabalho em EQUIPE 2 Scrum 3 Scrum Scrum Processo

Leia mais

ATO Nº 91/2015/GP/TRT 19ª, DE 1º DE JUNHO DE 2015

ATO Nº 91/2015/GP/TRT 19ª, DE 1º DE JUNHO DE 2015 PODER JUDICIÁRIO JUSTIÇA DO TRABALHO TRIBUNAL REGIONAL DO TRABALHO DA DÉCIMA NONA REGIÃO ATO Nº 91/2015/GP/TRT 19ª, DE 1º DE JUNHO DE 2015 O DESEMBARGADOR PRESIDENTE DO TRIBUNAL REGIONAL DO TRABALHO DA

Leia mais

FIC Faculdade Integrada do Ceará Curso em tecnologia em analise e desenvolvimento de sistemas. OpenUp. Arquitetura de software

FIC Faculdade Integrada do Ceará Curso em tecnologia em analise e desenvolvimento de sistemas. OpenUp. Arquitetura de software FIC Faculdade Integrada do Ceará Curso em tecnologia em analise e desenvolvimento de sistemas OpenUp Arquitetura de software Fortaleza/2010 OpenUP Alguns anos atrás, vários funcionários da IBM começaram

Leia mais

METODOLOGIA DE DESENVOLVIMENTO DE SISTEMAS

METODOLOGIA DE DESENVOLVIMENTO DE SISTEMAS METODOLOGIA DE DESENVOLVIMENTO DE SISTEMAS VERSÃO 2.0 MDS 12/3/2013 2.0 1/79 SUMÁRIO 1. INTRODUÇÃO... 4 2. OBJETIVO... 4 3. TIPOS DE DEMANDA DE SISTEMA DA DET... 5 3.1 Novo Sistema... 5 3.2 Sustentação

Leia mais

ENGENHARIA DE SOFTWARE I

ENGENHARIA DE SOFTWARE I ENGENHARIA DE SOFTWARE I Prof. Cássio Huggentobler de Costa [cassio.costa@ulbra.br] Twitter: www.twitter.com/cassiocosta_ Agenda da Aula (002) Metodologias de Desenvolvimento de Softwares Métodos Ágeis

Leia mais

Metodologias de Desenvolvimento de Sistemas. Analise de Sistemas I UNIPAC Rodrigo Videschi

Metodologias de Desenvolvimento de Sistemas. Analise de Sistemas I UNIPAC Rodrigo Videschi Metodologias de Desenvolvimento de Sistemas Analise de Sistemas I UNIPAC Rodrigo Videschi Histórico Uso de Metodologias Histórico Uso de Metodologias Era da Pré-Metodologia 1960-1970 Era da Metodologia

Leia mais

Introdução ao OpenUP (Open Unified Process)

Introdução ao OpenUP (Open Unified Process) Introdução ao OpenUP (Open Unified Process) Diferentes projetos têm diferentes necessidades de processos. Fatores típicos ditam as necessidades de um processo mais formal ou ágil, como o tamanho da equipe

Leia mais

PROCESSO DE DESENVOLVIMENTO DE SOFTWARE. Modelos de Processo de Desenvolvimento de Software

PROCESSO DE DESENVOLVIMENTO DE SOFTWARE. Modelos de Processo de Desenvolvimento de Software PROCESSO DE DESENVOLVIMENTO DE SOFTWARE Introdução Modelos de Processo de Desenvolvimento de Software Os modelos de processos de desenvolvimento de software surgiram pela necessidade de dar resposta às

Leia mais

Princípios da Engenharia de Software Aula 02. Prof.: Franklin M. Correia

Princípios da Engenharia de Software Aula 02. Prof.: Franklin M. Correia Princípios da Engenharia de Software Aula 02 Prof.: Franklin M. Correia Na aula anterior... Introdução a Engenharia de Software O que é software? O que é Engenharia de Software? Conceitos importantes Tipos

Leia mais

Engenharia de Software I

Engenharia de Software I Engenharia de Software I Curso de Desenvolvimento de Software Prof. Alessandro J de Souza ajdsouza@cefetrn.br 1 Rational Unified Process RUP Fase Elaboração 2 VISÃO GERAL Fase Elaboração. Visão Geral 3

Leia mais

Qualidade de Software. Anderson Belgamo

Qualidade de Software. Anderson Belgamo Qualidade de Software Anderson Belgamo Qualidade de Software Software Processo Produto Processo de Software Pessoas com habilidades, treinamento e motivação Processo de Desenvolvimento Ferramentas e Equipamentos

Leia mais

Engenharia de Negócios. Gestão de Sistemas Complexos. Planejamento Time Box

Engenharia de Negócios. Gestão de Sistemas Complexos. Planejamento Time Box Engenharia de Negócios Gestão de Planejamento Time Box Objetivos Examinar o planejamento time box Planejamento de fases e marcos do projeto Iterações de um projeto Quantidade Duração Objetivos Planejamento

Leia mais

Política Organizacional para Desenvolvimento de Software no CTIC

Política Organizacional para Desenvolvimento de Software no CTIC Política Organizacional para Desenvolvimento de Software no CTIC O CTIC/UFPA Centro de Tecnologia da Informação e Comunicação da Universidade Federal do Pará define neste documento sua Política Organizacional

Leia mais

Sistemas de Informação e Programação II Odorico Machado Mendizabal

Sistemas de Informação e Programação II Odorico Machado Mendizabal Sistemas de Informação e Programação II Odorico Machado Mendizabal Universidade Federal do Rio Grande FURG C3 Engenharia de Computação 16 e 23 de março de 2011 Processo de Desenvolvimento de Software Objetivos

Leia mais

Gerência de Configuração. Técnicas e Práticas no Desenvolvimento do Software

Gerência de Configuração. Técnicas e Práticas no Desenvolvimento do Software Gerência de Configuração Técnicas e Práticas no Desenvolvimento do Software Sumário Introdução... 19 Parte 1 - Visão Geral... 23 1 Entendendo a Necessidade de Gerência de Configuração... 25 1.1 Visão Geral

Leia mais

Verificação é um processo para se determinar se os produtos, (executáveis ou

Verificação é um processo para se determinar se os produtos, (executáveis ou ATIVIDADES VV&T E A NORMA IEEE 1012 A qualidade do software está diretamente relacionada à satisfação do cliente, sendo assim, as empresas estão percebendo a importância em produzir software com qualidade.

Leia mais

REGULAMENTO DO TRABALHO DE CONCLUSÃO DE CURSO Curso Superior de Tecnologia em Sistemas para Internet 1/2011

REGULAMENTO DO TRABALHO DE CONCLUSÃO DE CURSO Curso Superior de Tecnologia em Sistemas para Internet 1/2011 REGULAMENTO DO TRABALHO DE CONCLUSÃO DE CURSO Curso Superior de Tecnologia em Sistemas para Internet 1/2011 Das Disposições Preliminares O Trabalho de Conclusão de Curso (TCC) é um componente curricular

Leia mais

Rational Quality Manager. Nome: Raphael Castellano Campus: AKXE Matrícula: 200601124831

Rational Quality Manager. Nome: Raphael Castellano Campus: AKXE Matrícula: 200601124831 Rational Quality Manager Nome: Raphael Castellano Campus: AKXE Matrícula: 200601124831 1 Informações Gerais Informações Gerais sobre o RQM http://www-01.ibm.com/software/awdtools/rqm/ Link para o RQM https://rqmtreina.mvrec.local:9443/jazz/web/console

Leia mais

Planejamento e Gerenciamento Iterativo de Projetos de Software

Planejamento e Gerenciamento Iterativo de Projetos de Software Planejamento e Gerenciamento de Projetos de Software Hermano Perrelli hermano@cin.ufpe.br Objetivos desta parte Discutir uma metodologia de desenvolvimento iterativa e incremental Apresentar atividades

Leia mais

0.2.4-19/08/2013 IFG SOLUTIONS

0.2.4-19/08/2013 IFG SOLUTIONS IFG SOLUTIONS I Feel Good Equipe IFG 19/08/2013 1 Nossa empresa tem como proposta o desenvolvimento de uma solução inovadora e que proporcione um ambiente mais dinâmico e interativo. Agregando mais valor

Leia mais

Tópicos. Métodos Ágeis. Histórico; Valores; Métodos Ágeis x Modelos Tradicionais; Exemplo: Referências Bibliográficas.

Tópicos. Métodos Ágeis. Histórico; Valores; Métodos Ágeis x Modelos Tradicionais; Exemplo: Referências Bibliográficas. Métodos Ágeis Edes Garcia da Costa Filho edes_filho@dc.ufscar.br 1 Tópicos Histórico; Valores; Métodos Ágeis x Modelos Tradicionais; Exemplo: Extreme Programming (XP). Referências Bibliográficas. 2 Histórico

Leia mais

Aula 2 Governança do projeto Papéis e Responsabilidades

Aula 2 Governança do projeto Papéis e Responsabilidades Aula 2 Governança do projeto Papéis e Responsabilidades Objetivos da Aula: Nesta aula, iremos conhecer os diversos papéis e responsabilidades das pessoas ou grupos de pessoas envolvidas na realização de

Leia mais

Curso: Engenharia de Software com Ênfase em Padrões de Software (UECE Universidade Estadual do Ceará) RUP

Curso: Engenharia de Software com Ênfase em Padrões de Software (UECE Universidade Estadual do Ceará) RUP Conceitos RUP RUP, abreviação de Rational Unified Process (ou Processo Unificado da Rational), é um processo de Engenharia de software criado pela Rational Software Corporation(a qual foi incorporada pela

Leia mais

Média salarial - Brasil

Média salarial - Brasil Área geral Área específica Cargo Valor Média salarial - Brasil Gerente de Administração de Banco R$ 8.286 ou Chefe de Administração de Banco Consultor de Administração de Banco Administrador de Banco de

Leia mais

A Experiência na Definição de um Processo Padrão Baseado no Processo Unificado

A Experiência na Definição de um Processo Padrão Baseado no Processo Unificado A Experiência na Definição de um Processo Padrão Baseado no Processo Unificado RICARDO DE ALMEIDA FALBO Departamento de Informática - UFES Av. Fernando Ferrari, s/n, Vitória ES falbo@inf.ufes.br Abstract

Leia mais

SIGECO07 Sistema Integrado de Gestão de Contas Universidade Federal de Lavras PLANO DE PROJETO 23/09/2007 SIGECO07/GERENCIA/PROJETOS/

SIGECO07 Sistema Integrado de Gestão de Contas Universidade Federal de Lavras PLANO DE PROJETO 23/09/2007 SIGECO07/GERENCIA/PROJETOS/ SIGECO07 Sistema Integrado de Gestão de Contas Universidade Federal de Lavras PLANO DE PROJETO 23/09/2007 SIGECO07/GERENCIA/PROJETOS/ ModeloPlanoProjeto_2007_04_24 SIGECO07_PlanoProjeto_2007_09_23 Página

Leia mais

Scrum e CMMI no C.E.S.A.R Relato de Experiência

Scrum e CMMI no C.E.S.A.R Relato de Experiência Scrum e CMMI no C.E.S.A.R Relato de Experiência Felipe Furtado Engenheiro de Qualidade Izabella Lyra Gerente de Projetos Maio/2008 Agenda Motivação Pesquisas Adaptações do Processo Projeto Piloto Considerações

Leia mais

Sistema de Automação Comercial de Pedidos

Sistema de Automação Comercial de Pedidos Termo de Abertura Sistema de Automação Comercial de Pedidos Cabana - Versão 1.0 Iteração 1.0- Release 1.0 Versão do Documento: 1.5 Histórico de Revisão Data Versão do Documento Descrição Autor 18/03/2011

Leia mais

Processo de Desenvolvimento de Software Scrum. Prof. Antonio Almeida de Barros Jr.

Processo de Desenvolvimento de Software Scrum. Prof. Antonio Almeida de Barros Jr. Processo de Desenvolvimento de Software Scrum Manifesto da Agilidade Quatro princípios Indivíduos e interações mais que processos e ferramentas Software funcionando mais que documentação compreensiva Colaboração

Leia mais

Teste de Software Apresentação

Teste de Software Apresentação Teste de Software Apresentação Prof Daves Martins Msc Computação de Alto Desempenho Email: daves.martins@ifsudestemg.edu.br Agenda Teste de Software VV&T e Defeitos de Software Inspeção de Software Teste

Leia mais

Processos de Desenvolvimento de Software. Prof. Hélio Engholm Jr

Processos de Desenvolvimento de Software. Prof. Hélio Engholm Jr Processos de Desenvolvimento de Software Objetivos Descrever o processo de desenvolvimento de software Orientado a Objetos (Object Oriented Software Development - OOSD) Descrever como a modelagem suporta

Leia mais

Empresa de Informática Infinity LTDA. Gerenciamento de Configuração. Sistema de Gerenciamento de Plano Corporativo de Celulares

Empresa de Informática Infinity LTDA. Gerenciamento de Configuração. Sistema de Gerenciamento de Plano Corporativo de Celulares Empresa de Informática Infinity LTDA Gerenciamento de Configuração Sistema de Gerenciamento de Plano Corporativo de Celulares 22/05/2012 Índice Analítico 1. Introdução 1.1 Finalidade 1.2 Escopo 1.3 Definições,

Leia mais

6.46 - RiskFree Uma ferramenta de apoio à gerência de riscos em projetos de software

6.46 - RiskFree Uma ferramenta de apoio à gerência de riscos em projetos de software 6.46 - RiskFree Uma ferramenta de apoio à gerência de riscos em projetos de software Alunos Filipi Silveira Flávio Knob Orientadores Afonso Orth Rafael Prikladnicki Agenda O problema O processo O projeto

Leia mais

UNIP Ciência da Computação / Sistemas de Informação TED I - Orientações Gerais para Elaboração dos Documentos

UNIP Ciência da Computação / Sistemas de Informação TED I - Orientações Gerais para Elaboração dos Documentos I - Orientações Gerais para Elaboração dos Documentos A seguir, orientações fundamentais para a elaboração dos documentos do projeto, tendo em vista a complexidade inerente neste processo. Este roteiro

Leia mais

Uma visão geral da versão 2.0 do BABOK

Uma visão geral da versão 2.0 do BABOK Uma visão geral da versão 2.0 do BABOK Cover this area with a picture related to your presentation. It can be humorous. Make sure you look at the Notes Pages for more information about how to use the template.

Leia mais

RUP. Evolução. Principais Características do RUP. Principais Características do RUP RUP

RUP. Evolução. Principais Características do RUP. Principais Características do RUP RUP RUP Rational Unified Process ( Unificado de Desenvolvimento da Rational) Conjunto de passos que tem como objetivo atingir uma meta de software na ES, processo que visa a produzir o software - de modo eficiente

Leia mais

Fluxo de Aprovação do Processo de Desenvolvimento de Software TRT 11ª Região

Fluxo de Aprovação do Processo de Desenvolvimento de Software TRT 11ª Região Fluxo de Aprovação do Processo de Desenvolvimento de Software TRT 11ª Região s Símbolos Comitê SETI/SDC Demandante DI Analisar solicitação da demanda Comunicar inviabilidade ao demandante Formalizar Demanda

Leia mais

Gestão do custo do projeto

Gestão do custo do projeto Nome: N. Série: Gestão do custo do projeto A gestão do custo é representada pelos processos necessários para cumprimento do orçamento. São eles o Planejamento dos Recursos, a Estimativa dos Custos, o Orçamento

Leia mais

Termo de Abertura. SIGAC Sistema Gerenciador de Atividades Complementares. 14BISS - Business InnovationSolution Software

Termo de Abertura. SIGAC Sistema Gerenciador de Atividades Complementares. 14BISS - Business InnovationSolution Software Elaborado por: Revisado por: Aprovador por: Karla Daniella Xavier Gomes Micael Alves Souza Araújo Emaur Florêncio de Oliveira 2013 ÍNDICE 1. OBJETIVOS DO DOCUMENTO... 3 2. PROJETO... 3 3. OBJETIVOS DO

Leia mais

REGULAMENTO DO TRABALHO DE CONCLUSÃO DE CURSO Curso Superior de Tecnologia em Sistemas para Internet 2/2012

REGULAMENTO DO TRABALHO DE CONCLUSÃO DE CURSO Curso Superior de Tecnologia em Sistemas para Internet 2/2012 REGULAMENTO DO TRABALHO DE CONCLUSÃO DE CURSO Curso Superior de Tecnologia em Sistemas para Internet 2/2012 Das Disposições Preliminares O Trabalho de Conclusão de Curso (TCC) é um componente curricular

Leia mais

GERÊNCIA DE CONFIGURAÇÃO. Isac Aguiar isacaguiar.com.br isacaguiar@gmail.com

GERÊNCIA DE CONFIGURAÇÃO. Isac Aguiar isacaguiar.com.br isacaguiar@gmail.com GERÊNCIA DE CONFIGURAÇÃO Isac Aguiar isacaguiar.com.br isacaguiar@gmail.com Objetivo Apresentar a GC (Gerencia de Configuração) no contexto da Engenharia de Software Mostrar a importância da GC no controle

Leia mais

Termo de Abertura Sistema de Vendas de Pizzas Online (PizzaWeb) - Versão 1.0

Termo de Abertura Sistema de Vendas de Pizzas Online (PizzaWeb) - Versão 1.0 Termo de Abertura Sistema de Vendas de Pizzas Online (PizzaWeb) - Versão 1.0 Versão do Documento: 1.1 Histórico de Revisão Data Versão do Documento Descrição Autor 18/03/2011 1.0 Montar o Termo de Abertura.

Leia mais

ANEXO II - Especificações Técnicas

ANEXO II - Especificações Técnicas ANEXO II - Especificações Técnicas Índice 1 CONTEXTUALIZAÇÃO DO ESCOPO... 24 1.1 OBJETIVO DESTE DOCUMENTO... 24 1.2 CARACTERÍSTICAS DAS SOLUÇÕES SAGER E SAAT... 24 1.3 COMPONENTES DO PROJETO PARA O DESENVOLVIMENTO

Leia mais

versão 2.0 do BABOK Cover this area with a picture related to your presentation. It can

versão 2.0 do BABOK Cover this area with a picture related to your presentation. It can Uma visão geral da versão 2.0 do BABOK Cover this area with a picture related to your presentation. It can be humorous. Make sure you look at the Notes Pages for more information about how to use the template.

Leia mais

Unified Process. Sueleni Mendez Batista. Orientadora: Dra. Elisa Hatsue Moriya Huzita

Unified Process. Sueleni Mendez Batista. Orientadora: Dra. Elisa Hatsue Moriya Huzita Unified Process Sueleni Mendez Batista Orientadora: Dra. Elisa Hatsue Moriya Huzita Processo de Desenvolvimento de Software 8O processo de desenvolvimento de software é um conjunto de atividades e resultados

Leia mais

Especificação de Processo Desenvolvimento de DW

Especificação de Processo Desenvolvimento de DW Especificação de Processo Desenvolvimento de DW Versão 1.0 Sumário 1. Introdução... 3 2. Tabela de Stakeholders... 3 3. Diagrama de Contexto... 4 4. Ciclo de Vida... 4 4.1. Iniciação... 4 4.2. Elaboração...

Leia mais

Campos Chave para Modelo de E-mail de Solicitação

Campos Chave para Modelo de E-mail de Solicitação Campos Chave para Modelo de E-mail de Solicitação Fornece a relação dos campos chave disponíveis para inserção no cadastro de modelo de e-mail relacionado à Solicitação de Serviço / Incidente. Versão 1.2

Leia mais

METODOLOGIA DE DESENVOLVIMENTO DE SISTEMAS

METODOLOGIA DE DESENVOLVIMENTO DE SISTEMAS METODOLOGIA DE DESENVOLVIMENTO DE SISTEMAS Versão 1 MDS Metodologia de Desenvolvimento de Sistemas 1 Presidente INCRA Rolf Hackbart Diretor de Gestão Estratégica DE - INCRA Roberto Kiel Coordenador Geral

Leia mais

Princípios da Engenharia de Software aula 05 Gerenciamento de planejamento de projetos. Prof.: Franklin M. Correia

Princípios da Engenharia de Software aula 05 Gerenciamento de planejamento de projetos. Prof.: Franklin M. Correia 1 Princípios da Engenharia de Software aula 05 Gerenciamento de planejamento de projetos Prof.: Franklin M. Correia Na aula anterior... Metodologias ágeis Princípios do Manifesto ágil 12 itens do manifesto

Leia mais

Workshop de Teste de Software. Visão Geral. Emerson Rios emersonrios@riosoft.org.br www.emersonrios.eti.br

Workshop de Teste de Software. Visão Geral. Emerson Rios emersonrios@riosoft.org.br www.emersonrios.eti.br Workshop de Teste de Software Visão Geral Emerson Rios emersonrios@riosoft.org.br www.emersonrios.eti.br 1 AGENDA DO CURSO Conceitos Básicos Documentação Processo Plano de Teste Caso de Teste BIBLIOGRAFIA

Leia mais

ANEXO TÉCNICO IMPLANTAÇÃO DO SOFTWARE GEMCO ANYWHERE

ANEXO TÉCNICO IMPLANTAÇÃO DO SOFTWARE GEMCO ANYWHERE ANEXO TÉCNICO IMPLANTAÇÃO DO SOFTWARE GEMCO ANYWHERE A BEMATECH realizará as seguintes atividades: Instalação do banco de dados do sistema GEMCO ANYWHERE no servidor do CLIENTE; Treinamento de atualização

Leia mais

Gerenciamento de Projetos. Professor: Dr. Eduardo Santana de Almeida Universidade Federal da Bahia esa@dcc.ufba.br

Gerenciamento de Projetos. Professor: Dr. Eduardo Santana de Almeida Universidade Federal da Bahia esa@dcc.ufba.br Gerenciamento de Projetos Professor: Dr. Eduardo Santana de Almeida Universidade Federal da Bahia esa@dcc.ufba.br Agenda Introdução Gerente de Projetos Gerenciamento de Projetos Dificuldades Atividades

Leia mais

Professor: Disciplina:

Professor: Disciplina: Professor: Curso: Disciplina: Marcos Morais de Sousa marcosmoraisdesousa@gmail.com marcosmoraisdesousa.blogspot.com Sistemas de informação Engenharia de Software II Gerenciamento de Qualidade CMMI e MPS.BR

Leia mais

Francielle Santos (francielle@deinfo.ufrpe.br)

Francielle Santos (francielle@deinfo.ufrpe.br) Francielle Santos (francielle@deinfo.ufrpe.br) Gerência de Projetos; Gerência de Configuração; Gestão do Conhecimento. francielle@deinfo.ufrpe.br 2 O Perfil do gerente Papéis envolvidos Planejar versus

Leia mais

Comparação entre Metodologias RUP e XP

Comparação entre Metodologias RUP e XP Comparação entre Metodologias RUP e XP Carlos G. Vasco, Marcelo Henrique Vithoft, Paulo Roberto C. Estante Programa de Pós Graduação em Informática Aplicada Pontifícia Universidade Católica do Paraná (PUCPR)

Leia mais

Engenharia de Software II

Engenharia de Software II Engenharia de Software II Aula 28 Revisão para a Prova 2 http://www.ic.uff.br/~bianca/engsoft2/ Aula 28-28/07/2006 1 Matéria para a Prova 2 Gestão de projetos de software Conceitos (Cap. 21) Métricas (Cap.

Leia mais

É POSSÍVEL SER ÁGIL EM PROJETOS DE HARDWARE?

É POSSÍVEL SER ÁGIL EM PROJETOS DE HARDWARE? É POSSÍVEL SER ÁGIL EM PROJETOS DE Doubleday K. Francotti v 1.0 Onde foi parar os requisitos? Trabalhando 30h por dia! Manda quem pode... Caminho das pedras Hum... Acho que deu certo... Onde foi parar

Leia mais

SEÇÃO II SISTEMA INTEGRADO DE GESTÃO GOVERNAMENTAL ETAPA 01. Processo de Trabalho

SEÇÃO II SISTEMA INTEGRADO DE GESTÃO GOVERNAMENTAL ETAPA 01. Processo de Trabalho SISTEMA INTEGRADO DE GESTÃO GOVERNAMENTAL ETAPA 01 SEÇÃO II PROCESSO DE TRABALHO SEÇÃO II SISTEMA INTEGRADO DE GESTÃO GOVERNAMENTAL ETAPA 01 Processo de Trabalho SISTEMA INTEGRADO DE GESTÃO GOVERNAMENTAL

Leia mais