SISGEM: Etapa Projeto Completo Fase Aquisição de Áreas DESDOBRAMENTO DA ESTRATÉGIA EM AÇÕES

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "SISGEM: Etapa Projeto Completo Fase Aquisição de Áreas DESDOBRAMENTO DA ESTRATÉGIA EM AÇÕES"

Transcrição

1 DESDOBRAMENTO DA ESTRATÉGIA EM AÇÕES SISGEM: Etapa Projeto Completo Fase Aquisição de Áreas

2 Sumário Glossário Objetivo Descrição da etapa Fluxos SISGEM Transação ZPS Transação CJ0N Estrutura Aquisição de Áreas Descrição de status Centro de custo responsável Planejamento da fase Liberação de PEP Confirmação parcial de tarefa Alterar Status Transação CN48N Progressão de status Confirmação total de tarefa Estorno de tarefa Anexar documento Revisão de Projeto Inserir Justificativa Aba Ampliação Cliente Encerrar PEP tecnicamente Criar Diagrama de Rede de custo Criar Componente Planejar serviço específico de contrato amplo Liberar compra Criar pedido Relatórios para contrato ambo e Ordem de Serviço Criar pedido SONI

3 Glossário SISGEM: Ferramenta para controle gerencial dos processos e informações dos empreendimentos da Copasa para investimentos em sistemas de abastecimento de água e esgotamento sanitário. Projeto: É um esforço temporário empreendido com o objetivo de criar um produto, serviço ou resultado exclusivo (PMI - Project Management Institute). Elemento PEP (Plano de Estrutura de Projeto): São os elementos de planejamento que compõe a EAP. Diagrama de rede: Representa a seqüência de tarefas em um projeto e durante a sua existência os diagramas de rede são utilizados como base para planejar, analisar, controlar e monitorar as programações, datas e recursos (como pessoal, máquinas, meios auxiliares de produção e materiais). Estrutura Analítica do Projeto - EAP: É um modelo de trabalho, organizando de forma hierárquica as responsabilidades e objetivos do projeto. A EAP subdivide o trabalho do projeto em partes menores e mais facilmente gerenciáveis, em que cada nível descendente da EAP representa uma definição cada vez mais detalhada do trabalho do projeto. Rede de precedência: Reflete a interdependência entre as tarefas (atividades) de um projeto. Dashboard: É um painel para visualização das informações e indicadores consolidados para gestão dos empreendimentos do sistema SISGEM. 3

4 Glossário Tarefa: Identificação das atividades, de planejamento de datas e de custos, dos elementos PEP do projeto, atribuídas a um diagrama de rede. Wokflow: disparado pelo sistema, a partir da confirmação total de uma tarefa. Máscara: Código identificador do Elemento PEP composto com o máximo de 4 caracteres para empreendimentos de água e esgoto que informa: tipo de projeto, ano de elaboração do projeto, número sequencial do projeto, item do projeto, natureza do projeto, unidade de sistema, número sequencial da unidade de sistema, subunidade do sistema, número sequencial da subunidade do sistema e o tipo do fornecimento dos insumos planejados para a realização dos projetos e obras a cargo da Copasa e Contratada. Duração de tarefa: período em dias, compreendido entre o início e o fim de cada tarefa a ser realizada no projeto. Esteira/Etapa: estrutura que compõe e forma níveis, corresponde aos PEP s de º nível. Roldana/Fase: são os PEP s de 3º nível que compõem as roldanas/fases do Processo de Gerenciamento de Empreendimentos da DPG. 4

5 Objetivo da Fase Executar as avaliações e análises documentais das áreas de faixa de servidão e pleno domínio para a implantação de sistemas de abastecimento de água e esgotamento sanitário, bem como, efetuar todo o processo de desapropriação dessas áreas. 5

6 Descrição da Fase A fase Aquisição de Áreas, pertencente à etapa Projeto Completo, é composta das seguintes tarefas:. Adquirir área Prazo médio Responsável: DVNA;. Solicitar Revisão de Projeto Básico Responsável: DVNA; 3. Concluir Revisão de Projeto Básico Responsável: DVPR ou DVGC. Transação utilizada: CJ0N, CN48N PEP Unidades de Sistema:. Avaliar Imóvel Responsável: DVNA;. Qualificar Proprietário e Imóvel Responsável: DVNA; 3. Contratar Área Responsável: DVNA; 4. Retificar Topografia Responsável: DVNA. 6

7 Fluxo SISGEM 7

8 Atividades: Etapa Projeto Completo Fase Aquisição de Áreas: Transação ZPS0 Digitar ZPS0; Pressionar ENTER ou clicar em Continuar. 8

9 Atividades: Etapa Projeto Completo Fase Aquisição de Áreas: Transação ZPS0 Selecionar CriaçãoPEP s e carga de campos; Pressionar ENTER ou clicar em Continuar. 9

10 Atividades: Etapa Projeto Completo Fase Aquisição de Áreas: Transação CJ0N Digitar CJ0N; Pressionar ENTER ou clicar em Continuar. 0

11 Atividades: Etapa Projeto Completo Fase Aquisição de Áreas: Abrir PEP Clicar em Abrir; No campo Elemento PEP, da Caixa de Diálogo, digitar a identificação (máscara) do PEP de 3º nível desejado; 3 3 Clicar em Abrir (ENTER). Obs. Verificar no campo Últimos projetos processados se o PEP de interesse está relacionado e dar duplo clic sobre ele.

12 Atividades: Etapa Projeto Completo Fase Aquisição de Áreas: EAP Definição do Projeto; PEP de º nível; 3 PEP de º nível Etapa; PEP de 3º nível Fase; 5 Diagrama de rede de planejamento de data. 7 6 Tarefa; 7 Workflow.

13 Transações e estrutura EAP SISGEM Descrição dos status Para visualizar o conceito de cada status, selecionar Descrição dos status. Clicar em Processar texto PS. 3

14 Transações e estrutura EAP SISGEM Descrição dos status O Status do PEP representa a fase no processo de empreendimento: Aberto -> Indica que o PEP foi criado no SAP e as atividades podem ser iniciadas. Não se Aplica -> Indica que o PEP não tem funcionalidade no empreendimento e as atividades não serão realizadas. Não Recomendado -> Indica que o PEP não está adequado e por isto as atividades serão iniciadas somente após ajustes. Em Andamento -> Indica que o PEP teve sua operação iniciada e as atividades encontram-se em andamento. Em ajustes -> Indica que o PEP está sendo ajustado e as atividades não serão executadas temporariamente. Revisado -> Indica que o PEP foi ajustado e as atividades podem ser executadas. Pendente -> Indica que o PEP tem alguma pendência (exemplos: pendente aprovação, pendente anexar documentos, etc.). Cancelado -> Indica que o PEP foi cancelado e as atividades não serão realizadas. Suspenso -> Indica que o PEP está temporariamente suspenso e as atividades permanecerão paralisadas por tempo indeterminado. Finalizado -> Indica que o PEP foi encerrado e as atividades concluídas. 4

15 Atividades: Etapa Projeto Completo Fase Aquisição de Áreas: Centro de Custo Responsável 3 Selecionar o PEP Aquisição de Áreas; Clicar na aba DdsBásicos, e preencher o campo Cen.Cst.Respons. Caso necessário, buscar no matchcode; 3 Clicar em Gravar. 5

16 Atividades: Etapa Projeto Completo Fase Aquisição de Áreas : Planejamento da Fase Quando for necessário o planejamento de fase, o prazo de início, a duração e precedência de cada tarefa deverá ser alterado. A estrutura é criada com a tarefa Adquirir Área Prazo Médio que carrega o prazo médio e a relação de precedência da fase Aquisição de Áreas. Na criação das glebas o prazo deverá ser reprogramado e a precedência refeita, conforme os procedimentos a seguir. 6

17 Atividades: Etapa Projeto Completo Fase Aquisição de Áreas : Planejamento da Fase - Data 3 Selecionar a tarefa; Na aba Datas, selecionar Início obrig. em e preencher a data de início no campo Início; 3 Clicar em Gravar. O procedimento para reprogramação de data será definido posteriormente pela Divisão Gestora do Empreendimento. 7

18 Atividades: Etapa Projeto Completo Fase Aquisição de Áreas : Planejamento da Fase - Duração 3 Selecionar a tarefa na EAP. Na aba Interno, em Programação, no campo Duração normal, lançar o novo número de dias para executar a tarefa e pressionar Enter; 3 Clicar em Gravar. 8

19 Atividades: Etapa Projeto Completo Fase Aquisição de Áreas : Planejamento da Fase - Precedência Selecionar a tarefa na 3 Adquirir Área Prazo Médio; Clicar em Síntese de Relações; 3 Pressionar CTRL Y, selecionar os campos Ope. e Diagrama de Rede somente das tarefas predecessoras e selecionar CTRL C; 9

20 Atividades: Etapa Projeto Completo Fase Aquisição de Áreas : Planejamento da Fase - Precedência 3 Selecionar a tarefa Avaliar Imóvel da primeira gleba a ser trabalhada; Clicar em Síntese de Relações; 3 Pressionar CTRL V e pressionar ENTER para visualizar a descrição da tarefa (Txt.breve operação). 0

21 Atividades: Etapa Projeto Completo Fase Aquisição de Áreas : Planejamento da Fase - Precedência Selecionar a tarefa Avaliar Imóvel da próxima gleba a ser trabalhada; Clicar em Síntese de Relações; 3 Preencher os campos Ope. e DiagRede com o número e diagrama de rede da tarefa predecessora a atividade; 4 No campo Tp., selecionar o tipo de predecência entre as tarefas; 5 Clicar em Transferir ou pressionar ENTER.

22 Atividades: Etapa Projeto Completo Fase Aquisição de Áreas : Planejamento da Fase - Precedência 3 4 Esse procedimento deverá ser realizado para todas as gleblas criadas, gerando a estrutura de precedência entre todas as tarefas da fase Aquisição de Áreas. Para fazer a ligação entre a tarefas de glebas e o restante do projeto, a tarefa Retificar Topografia da última gleba a ser trabalhada deverá receber a Buscar a tarefa sucessora da tarefa Adquirir Área Prazo Médio, conforme sucessora da tarefa procedimento da página 0; Adquirir Área Prazo Selecionar a tarefa Retificar Topografia da última gleba a ser trabalhada; Médio. 3 Clicar em Síntese de Relações; 4 Pressionar CTRL V e pressionar ENTER para visualizar a descrição da tarefa (Txt.breve operação).

23 Atividades: Etapa Projeto Completo Fase Aquisição de Áreas : Planejamento da Fase - Precedência Realizada a estrutura de precedência da fase, as precedências e a duração da tarefa Adquirir Área Prazo Médio deverão ser eliminadas. 3 Selecionar as tarefas, clicando no campo ao lado esquerdo da Ope; Clicar em Elimin; 3 Clicar em SIM. 3

24 Atividades: Etapa Projeto Completo Fase Aquisição de Áreas : Planejamento da Fase - Precedência Com a tarefa Adquirir Área Prazo Médio selecionada: Selecionar Detalhe/Tarefa; Na aba Interno, zerar o campo Duração normal da Programação e pressionar ENTER. 4

25 Atividades: Etapa Projeto Completo Fase Aquisição de Áreas : Planejamento da Fase - Precedência A visualização da rede de precedência é feita pelo Gráfico de Diagrama de Rede. Selecionar qualquer tarefa da fase; Clicar em Gráfico de Diagrama de Rede. 5

26 Atividades: Etapa Projeto Completo Fase Aquisição de Área: Liberação de PEP Após o planejamento da fase, o PEP deverá ser liberado para início do trabalho. Selecionar o PEP a ser liberado; Clicar em Processar>Status> Liberar e pressionar Enter; 3 Clicar em Gravar. 3 6

27 Atividades: Etapa Projeto Completo Fase Aquisição de Áreas: Confirmar Tarefa Parcial Selecionar a tarefa a ser confirmada. Clicar em Processar>Tarefa> Confirmar. 7

28 Atividades: Etapa Projeto Completo Fase Aquisição de Área: Confirmar Tarefa Parcial 3 Na janela Processamento, preencher a porcentagem do trabalho executado, no campo Grau Processam; Clicar em Voltar; 3 Clicar em Gravar. 8

29 Atividades: Etapa Projeto Completo Fase Aquisição de Área: Alterar Status Selecionar o PEP; Clicar em Status Sistema/Usuário. 9

30 Atividades: Etapa Projeto Completo Fase Aquisição de Área: Alterar Status Selecionar o status em Andamento; Clicar em Voltar; 3 Na próxima tela, clicar em Gravar. As alterações posteriores de status seguirão este mesmo procedimento. 3 Utilizar este ícone para visualizar os demais status 30

31 Atividades: Etapa Projeto Completo Fase Aquisição de Área: Visualização de Percentual de Andamento da Tarefa Transação CN48N Digitar transação CN48N - para acompanhar o avanço em percentual das tarefas. Pressionar Enter ou clicar em Continuar. 3

32 Atividades: Etapa Projeto Completo Fase Aquisição de Área: Visualização de Percentual de Andamento da Tarefa Transação CN48N 3 Clicar no matchcode do Perfil BD Selecionar a opção Seleção Standard (estrutura); 3 Clicar em Transferir ou pressionar Enter; 4 Clicar em Avançar. 4 3

33 Atividades: Etapa Projeto Completo Fase Aquisição de Área : Visualização de Percentual de Aandamento da Tarefa Transação CN48N No campo Elemento PEP, lançar o número do Empreendimento que deseja visualizar o status de percentual de tarefa; Clicar em Executar; 3 3 Para visualizar o status somente da tarefa, utilizar o campo Tarefa. Buscar o número do diagrama de rede corresponde e lançá-lo no campo Diagrama de rede e pressionar Enter. 33

34 Atividades: Etapa Projeto Completo Fase Aquisição de Área: Visualização de Percentual de Andamento da Tarefa Transação CN48N 34

35 Atividades: Etapa Projeto Completo Fase Aquisição de Área: Confirmar Tarefa Total Selecionar a tarefa a ser confirmada. Clicar em Processar>Tarefa> Confirmar. 35

36 Atividades: Etapa Projeto Completo Fase Aquisição de Área: Confirmar Tarefa Total 3 Na janela Processamento, preencher a porcentagem do trabalho executado (00%), no campo Grau Processam; Clicar em Voltar; 3 Clicar em Sim. 36

37 Atividades: Etapa Projeto Completo Fase Aquisição de Área: Confirmar Tarefa Total Após a confirmação total de algumas tarefas 00%, o sistema irá disparar um Workflow informando que a tarefa foi concluída. Pressionar Enter ou clicar em Avançar para disparar o WF. 37

38 Atividades: Etapa Projeto Completo Fase Aquisição de Área: Estorno de Tarefa Digitar CN9 para estornar tarefa; 38

39 Atividades: Etapa Projeto Completo Fase Aquisição de Área: Estorno de Tarefa Preencher os campos DiagRede, Operação (tarefa), Confirmação e Contador (numerador). Essas informações poderão ser buscadas na transação CN48N. Pressionar Enter; 3 Clicar em Voltar. 3 39

40 Atividades: Etapa Projeto Completo Fase Aquisição de Área: Estorno de Tarefa Digitar o motivo do estorno. Clicar em Voltar; 40

41 Atividades: Etapa Projeto Completo Fase Aquisição de Área: Estorno de Tarefa Clicar em Sim. 4

42 Atividades: Etapa Projeto Completo Fase Aquisição de Área: Estorno de Tarefa A confirmação do estorno será apresentada no rodapé; 4

43 Atividades: Etapa Projeto Completo Fase Aquisição de Área: Anexar Documento Os documentos deverão ser anexados à estrutura no PEP de 3º nível (Fase). Selecionar o PEP de 3º nível; Clicar em Serviços para objeto 3 Clicar em Criar> Criar anexo 3 43

44 Atividades: Etapa Projeto Completo Fase Aquisição de Área: Anexar Documento Selecionar o arquivo desejado e clicar em Abrir. 44

45 Atividades: Etapa Projeto Completo Fase Aquisição de Área: Visualizar Documento Anexado Para visualizar os documentos que foram anexados a estrutura PEP: Selecionar o PEP; Clicar em Serviços para Objeto Clicar em Lista de anexos 4 4 Selecionar a linha do arquivo e pressionar Enter. 45

46 Atividades: Etapa Projeto Completo Fase Aquisição de Área: Revisão de Projeto Quando houver necessidade de Revisão de Projeto na Fase Aquisição de Áreas, executar os procedimentos: Selecionar a tarefa Solicitar Revisão de Projeto; Na aba Datas, campo Início, selecionar Início Obrig. em e preencher a data da solicitação. 46

47 Atividades: Etapa Projeto Completo Fase Aquisição de Área: Revisão de Projeto Confirmar tarefa 00%. Clicar em Processar>Tarefa> Confirmar. 47

48 Atividades: Etapa Projeto Completo Fase Aquisição de Área: Revisão de Projeto Na janela Processamento, preencher a porcentagem do trabalho executado (00%), no campo Grau Processam. 3 Clicar em Voltar; 3 Clicar em Sim. 48

49 Atividades: Etapa Projeto Completo Fase Aquisição de Área: Revisão de Projeto Após a confirmação total da tarefa 00%, o sistema irá disparar um Workflow para a DVPR ou DVGC informando que a tarefa Solicitar Revisão de Projeto Básico foi concluída. Pressionar Enter ou clicar em Avançar para disparar o WF. 49

50 Atividades: Etapa Projeto Completo Fase Aquisição de Área: Revisão de Projeto 3 O próximo passo é inserir a precedência na tarefa Concluir Revisão do Projeto, que deverá ter relação de dependência Início/Término com a tarefa sucessora à tarefa onde foi solicitada a revisão. Selecionar a tarefa onde houve a necessidade de Revisão de Projeto Básico; Clicar em Síntese de Relações; 3 Buscar o número da tarefa (na coluna Ope.) e do diagrama de rede da sucessora (tarefa marcada ). 50

51 Atividades: Etapa Projeto Completo Fase Aquisição de Área: Revisão de Projeto 5 Selecionar a tarefa Concluir Revisão de Projeto Básico; Clicar em Síntese de Relações; Inserir o número da tarefa (na coluna Ope.) e do diagrama de rede da tarefa sucessora; 4 Marcar a coluna Suc; 5 Clicar em Gravar. 5

52 Atividades: Etapa Projeto Completo Fase Aquisição de Áreas: Inserir Justificativa 3 Selecionar o PEP que deseja incluir justificativas (atraso de datas, informações relevantes, etc.); Clicar na aba Ampliação do Cliente; 3 Clicar em Justificativas. 5

53 Atividades: Etapa Projeto Completo Fase Aquisição de Áreas: Inserir Justificativa Digitar o texto da justificativa; Clicar em Gravar. 53

54 Atividades: Etapa Projeto Completo Fase Aquisição de Áreas: Aba Ampliação Cliente Selecionar o PEP da Unidade de Sistema; Clicar na aba Ampliação de Cliente para visualizar os dados carregados pela Planilha de Carga de Glebas, na transação ZPS0. 54

55 Atividades: Etapa Projeto Completo Fase Aquisição de Área: Encerrar Tecnicamente Após a confirmação de 00% das tarefas dos PEP s de 3º nível, alterar o status de usuário para Finalizado e o status de sistema para Encerrado Tecnicamente, conforme procedimento da página 48,49 e

56 Etapa Projeto Completo - Fase Aquisição de Área : Encerrar tecnicamente Para encerrar tecnicamente o PEP, é necessário liberá-lo. Clicar em Processar>Status> Liberar. 56

57 Etapa Projeto Completo - Fase Aquisição de Área : Encerrar tecnicamente Clicar em Processar>Status> Encerrar Tecnicamente> Definir. Clicar em Gravar. 57

58 Etapa Projeto Completo - Fase Aquisição de Área Transações e estrutura EAP SISGEM como criar Diagrama de rede de custo Selecionar o PEP que receberá o 3 Diagrama de Rede de custo; Abrir a janela Objetos Singulares; 3 Clicar na aba Modelos; 4 Clicar em Diagrama de Rede e arrastar o ícone para o PEP selecionado. 4 58

59 Etapa Projeto Completo - Fase Aquisição de Área Transações e estrutura EAP SISGEM como criar Diagrama de rede de custo Inserir o nome 3 desejado para o Diagrama de Rede de Custo. Na aba controle, clicar em Planejador MRP e selecionar o ítem Planejador Copasa. 3 Pressionar Entrer. 59

60 Etapa Projeto Completo - Fase Aquisição de Área Transações e estrutura EAP SISGEM como criar Diagrama de rede de custo Na aba Controle, em 3 TpDiagrede, clicar no matchcode; Selecionar o tipo YPS e pressionar Enter. 3 Clicar na aba Ampliação cliente. 60

61 Etapa Projeto Completo - Fase Aquisição de Área Transações e estrutura EAP SISGEM como criar Diagrama de rede de custo Pressionar Enter. A mensagem do rodapé é somente um ponto de atenção, pois o calendário da Copasa utiliza dias corridos. 6

62 Etapa Projeto Completo - Fase Aquisição de Área Transações e estrutura EAP SISGEM como criar Diagrama de rede de custo 5 3 Clicar no matchcode, no campo Grupo de mercadoria, digitar S* e selecionar o Grupo desejado. Em seguida, pressionar Enter. Preencher os campos obrigatórios, Taxa ADM e Taxa BDI; Preencher o campo Grupo Mercadoria Global. Selecionar a opção no matchcode que reflete o objeto do contrato. Caso necessário, consulte a unidade DVAT; 3 Preencher o campo Nº contrato quando for utilizar um contrato amplo já existente. 4 Pressionar Enter; 5 Clicar em Gravar. 6

63 Etapa Projeto Completo - Fase Aquisição de Área Transações e estrutura EAP SISGEM como criar Diagrama de rede de custo Diagrama de rede criado. 63

64 Etapa Projeto Completo - Fase Aquisição de Área Transações e estrutura EAP SISGEM como criar tarefa no Diagrama de custo Selecionar o PEP de Gleba que receberá a tarefa; 4 Abrir a janela Tarefas; 3 Clicar em Processamento Interno e arrastar a tarefa para o PEP selecionado; 4 Selecionar o Diagrama de Rede correspondente; 5 Clicar em Avançar

65 Etapa Projeto Completo - Fase Aquisição de Área Transações e estrutura EAP SISGEM como criar tarefa No campo Chave Modelo, clicar no matchcode; Selecionar a chave modelo desejada e pressionar Enter. 65

66 Etapa Projeto Completo - Fase Aquisição de Área Transações e estrutura EAP SISGEM Criar componente Clicar em Síntese de Componente. 66

67 Etapa Projeto Completo - Fase Aquisição de Área Transações e estrutura EAP SISGEM Criar componente Clicar na aba Compras; 3 4 Na coluna Material, lançar o código do material a ser contratado ou o código do material do contrato amplo existente; 3 Na coluna Qtd Necessária, lançar o quantitativo planejado; 4 Na coluna Suprimento, lançar Z03 sempre que for serviço. 67

68 Etapa Projeto Completo - Fase Aquisição de Área Transações e estrutura EAP SISGEM Planejar serviço específico de contrato amplo Selecionar a tarefa; Clicar em Síntese de Componente; Clicar na aba Compras; 4 Na coluna Texto do Item, lançar o texto breve do material sem código; 5 Na coluna Qtd Necessária, lançar o quantitativo planejado; As informações do contrato deverão ser consultadas na transação ME33K. 6 Na coluna Unidade, a sigla da unidade contratada; 7 Na coluna Suprimento, lançar Z08 sempre que for serviço; 8 Pressionar Enter. 68

69 Etapa Projeto Completo - Fase Aquisição de Área Transações e estrutura EAP SISGEM Planejar serviço específico de contrato amplo Componente vinculado ao Serviço Específico do contrato amplo; Visualizar as informações relacionadas ao Serviço Específico e Contrato amplo associado. 69

70 Etapa Projeto Completo Fase Aquisição de Áreas : Liberar compra ( Ordem de Serviço) Abrir PEP de aquisição de área Para liberar o diagrama de rede ir em Menu: processar->status->liberar ; 3 Salvar o projeto; 70

71 Etapa Projeto Completo Fase Aquisição de Áreas : Liberar compra ( Ordem de Serviço) Verificar a requisição de compra gerada. 7

72 Etapa Projeto Completo Fase Aquisição de Áreas : Liberar compra ( Ordem de Serviço) 3 Verificar a requisição de compra gerada. 7

73 Etapa Projeto Completo Fase Aquisição de Áreas : Criar pedido ( Ordem de Serviço) 3. Acessar transação de criar pedido MEN. Selecionar o tipo de pedido de serviço 3. Ativar síntese de documentos 4. Pressionar o botão ativar seleção 5. Selecionar a requisição de compra 73

74 Etapa Projeto Completo Fase Aquisição de Áreas : Criar pedido ( Ordem de Serviço) 3. Acessar transação de criar pedido MEN. Selecionar o tipo de pedido de serviço 3. Ativar síntese de documentos 4. Pressionar o botão ativar seleção 5. Selecionar a requisição de compra 74

75 Etapa Projeto Completo Fase Aquisição de Áreas : Criar pedido ( Ordem de Serviço). Digitar Número de requisição de compra. Pressionar o botão execução 75

76 Etapa Projeto Completo Fase Aquisição de Áreas : Criar pedido ( Ordem de Serviço). Selecionar os itens da requisição para elaborar o pedido de combra. Pressionar o botão de transferir 76

77 Etapa Projeto Completo Fase Aquisição de Áreas : Relatórios para contrato ambo e Ordem de Serviço. Relatório de contrato ampla abrangência ZPS087. Relatório de físico financeiro ZPS0 3. Relatório de Orçamento/Contrato ZPS09 4. Documentos de compra por número de doc. ME3N 77

78 Etapa Projeto Completo Fase Aquisição de Áreas : Criar pedido SONI MEN 3 4. Selecionar o tipo de pedido de SONI. Selecionar o fornecedor/proprietário da gleba 3. Selecionar classificação contábil P =>projeto ou N => Diagrama de rede. Digitar B em limite 4. Digitar o limite de valor para glebas 78

79 Etapa Projeto Completo Fase Aquisição de Áreas : Criar pedido SONI MEN 4. Digitar a classificação contábil, elemento PEP ou diagrama de rede da gleba Selecionar o fornecedor/proprietário da gleba Obs.: Para alterar a classificação clicar na aba classif. Contábil 79

80 Etapa Projeto Completo Fase Aquisição de Áreas : Criar pedido SONI MEN. Digitar o Utilização de Material, Origem material 0 e código de NCN IPI_00%. Ctg. Material 0 80

81 Etapa Projeto Completo Fase Aquisição de Áreas : Criar pedido SONI MEN. Digitar o código de imposto 8

82 Etapa Projeto Completo Fase Aquisição de Áreas : Criar pedido SONI MEN. Digitar o responsável pelo pagamento e forma de pagamento. Salvar o pedido de compra SONI 8

83 Etapa Projeto Completo Fase Aquisição de Áreas : Emitir formulário SONI ZPS5. Digitar o código da empresa e o número do pedido de compra SONI. Pressionar o botão 83

84

Painel de Controle. SISGEM - Gestão de Empreendimentos

Painel de Controle. SISGEM - Gestão de Empreendimentos Painel de Controle SISGEM - Gestão de Empreendimentos Painel de Controle: Conceito O Painel de Controle é um painel gráfico que exibe as informações gerenciais consolidadas dos empreendimentos controlados

Leia mais

1- Objetivo: Informar aos usuários como realizar a inclusão da ocorrência de devolução via workflow.

1- Objetivo: Informar aos usuários como realizar a inclusão da ocorrência de devolução via workflow. 1- Objetivo: Informar aos usuários como realizar a inclusão da ocorrência de devolução via workflow. 2- Abrangência: Depto. Comercial, fiscal, cobrança e contas a receber 3- Fluxo 1 Tela login Mesmo usuário

Leia mais

Acompanhar Andamento do Contrato e Pedido de Compras

Acompanhar Andamento do Contrato e Pedido de Compras Acompanhar Andamento do Contrato e Pedido de Compras MM.00.060 - Efetuar Rescisão Contratual / Pedido Transações que compõem a Atividade MM.00.060.070 - Cancelar Contrato/Pedido parcial ou total. Transação

Leia mais

Para iniciar um Inventário, clique no botão Inserir ( primeiramente os campos solicitados na aba Identificação.

Para iniciar um Inventário, clique no botão Inserir ( primeiramente os campos solicitados na aba Identificação. Incluir um Inventário Para iniciar um Inventário, clique no botão Inserir ( primeiramente os campos solicitados na aba Identificação. ) e preencha Clique na aba Itens e depois no botão Carregar Produtos

Leia mais

Como Preencher a SMP e Termos do Pedido

Como Preencher a SMP e Termos do Pedido Como Preencher a SMP e Termos do Pedido 2 Sumário I. Acesso ao Sistema CRMTEL... 4 II. Como Cadastrar Novo Cliente... 5 III. Cliente já Cadastrado... 13 IV. Criando a SMP... 14 V. Movimentação e Acompanhamento

Leia mais

Funções básicas Cronograma Cronograma Funções Básicas

Funções básicas Cronograma Cronograma Funções Básicas Funções Básicas Fevereiro 2015 - 1) Selecionar o menu Portfólio > Projetos, clique para janela projetos abrir. 2) Selecione botão incluir para abrir um projeto. Preencha os campos obrigatórios nos Dados

Leia mais

GUIA DE AUXÍLIO PARA GERENCIAMENTO DE PROJETOS METODOLOGIA IFES

GUIA DE AUXÍLIO PARA GERENCIAMENTO DE PROJETOS METODOLOGIA IFES GUIA DE AUXÍLIO PARA GERENCIAMENTO DE PROJETOS METODOLOGIA IFES SUMÁRIO 1. PREENCHIMENTO DA PLANILHA DE GERENCIAMENTO DE PROJETOS...3 1.1 Menu...3 1.2 Termo de Abertura...4 1.3 Plano do Projeto...5 1.4

Leia mais

G-Bar. Módulo Básico Versão 4.0

G-Bar. Módulo Básico Versão 4.0 G-Bar Software para Gerenciamento de Centrais de Corte e Dobra de Aço Módulo Básico Versão 4.0 Pedidos de Vendas Manual do Usuário 1 As informações contidas neste documento, incluindo links, telas e funcionamento

Leia mais

GPWeb Gestão de projetos

GPWeb Gestão de projetos Manual Básico do Usuário GPWeb Gestão de projetos Brasília DF, Maio de 2015 1 Sumário O que é um projeto?... 5 O que é o GPWeb?... 6 Como criar um projeto no GPWeb:... 6 As partes envolvidas: Integração/

Leia mais

TUTORIAL DE COMPRAS ERP JAD

TUTORIAL DE COMPRAS ERP JAD TUTORIAL DE COMPRAS ERP JAD Emissão e Revisão: 23/04/2015 Revisado por: Juliana Caminho para acessar o módulo de compras para criação de cotações, requisições e pedidos segue abaixo. Neste módulo existem

Leia mais

Sumário. Ambiente de Trabalho... Erro! Indicador não definido.

Sumário. Ambiente de Trabalho... Erro! Indicador não definido. Sumário Ambiente de Trabalho... Erro! Indicador não definido. Introdução ao Project Um projeto é uma seqüência bem definida de eventos, com um início e um final identificável. O foco de um projeto é obter

Leia mais

NVSABRE - SISTEMA DE INFORMÁTICA LTDA

NVSABRE - SISTEMA DE INFORMÁTICA LTDA Goiânia, 23 de Dezembro de 2011 Bom dia! Aos clientes Sabre, Novos procedimentos após atualização do sistema para versão 2.1.289.12 Será disponibilizada versão 2.1.289.12, nossos colaboradores devem seguir

Leia mais

Manual Básico do Usuário GP-Web Gestão de projetos

Manual Básico do Usuário GP-Web Gestão de projetos Manual Básico do Usuário GP-Web Gestão de projetos Departamento de Planejamento Pró-reitoria de Planejamento e Finanças Universidade Federal de Santa Catarina 1 Sumário O que é um projeto?... 4 O que é

Leia mais

Tutorial Sistema de Avaliação de Desempenho SAD

Tutorial Sistema de Avaliação de Desempenho SAD Tutorial Sistema de Avaliação de Desempenho SAD Diretoria de Planejamento, Administração e Logística - DIPLAN Coordenação Geral de Gestão de Pessoas - CGGP Sumário - Apresentação - Introdução - ACESSO

Leia mais

Manual do Sistema de Apoio Operadores CDL

Manual do Sistema de Apoio Operadores CDL N / Rev.: Manual 751.1/02 Este documento não deve ser reproduzido sem autorização da FCDL/SC Aprovação: Representante da Direção Ademir Ruschel Elaboração: Supervisor da Qualidade Sílvia Regina Pelicioli

Leia mais

SuperStore. Sistema para Automação de Óticas. MANUAL DO USUÁRIO (Módulo Financeiro)

SuperStore. Sistema para Automação de Óticas. MANUAL DO USUÁRIO (Módulo Financeiro) SuperStore Sistema para Automação de Óticas MANUAL DO USUÁRIO (Módulo Financeiro) Contato: (34) 9974-7848 http://www.superstoreudi.com.br superstoreudi@superstoreudi.com.br SUMÁRIO 1 LANÇAMENTO DE CONTAS

Leia mais

Apresentando o novo modelo de atendimento Centro Marista de Serviços - CMS. Curitiba, Julho de 2014

Apresentando o novo modelo de atendimento Centro Marista de Serviços - CMS. Curitiba, Julho de 2014 Apresentando o novo modelo de atendimento Centro Marista de Serviços - CMS Curitiba, Julho de 2014 Vamos à prática: Como abrir um chamado? Entre na ferramenta com seu login e senha de rede (a mesma que

Leia mais

Software de Compras. Manual de treinamento para usuários do OutBuyCenter

Software de Compras. Manual de treinamento para usuários do OutBuyCenter Software de Compras Manual de treinamento para usuários do OutBuyCenter OutBuyCenter Software para o gerenciamento de compras integradas (eprocurement e supply chain), objetiva a rápida tramitação de compras

Leia mais

SuperStore. Sistema para Automação de Óticas. MANUAL DO USUÁRIO (Módulo Vendas e Caixa)

SuperStore. Sistema para Automação de Óticas. MANUAL DO USUÁRIO (Módulo Vendas e Caixa) SuperStore Sistema para Automação de Óticas MANUAL DO USUÁRIO (Módulo Vendas e Caixa) Contato: (34) 9974-7848 http://www.superstoreudi.com.br superstoreudi@superstoreudi.com.br SUMÁRIO 1 Vendas... 3 1.1

Leia mais

Manual para Transportadoras

Manual para Transportadoras Índice 1 Objetivo... 3 2 O Projeto e-suprir... 3 3 Introdução... 3 4 Informações Básicas... 4 4.1 Painel de Controle Compras... 4 5 Acessando o Pedido... 5 6 Digitando o Espelho de Nota Fiscal... 7 6.1

Leia mais

❶ No Sistema Gênesis, na Aba ESTOQUE

❶ No Sistema Gênesis, na Aba ESTOQUE ❶ No Sistema Gênesis, na Aba ESTOQUE a) Checagem de Estoque - Verifique o estoque dos produtos desejados. b) Listar produtos com a quantia de estoque mínimo atingido: ESTOQUE / RELATÓRIO / ALERTA DE COMPRA

Leia mais

Sumário I. Acesso ao sistema CRMTEL II. Filtro de Clientes III. Atribuindo a Segmentação Atribuindo o Mailing VI.

Sumário I. Acesso ao sistema CRMTEL II. Filtro de Clientes III. Atribuindo a Segmentação Atribuindo o Mailing VI. Módulo Clientes 2 Sumário I. Acesso ao sistema CRMTEL... 4 II. Filtro de Clientes... 5 III. Atribuindo a Segmentação... 6 V. Atribuindo o Mailing... 10 VI. Encarteirando Clientes... 12 VII. Relatórios...

Leia mais

SUMÁRIO Acesso ao sistema... 2 Atendente... 3

SUMÁRIO Acesso ao sistema... 2 Atendente... 3 SUMÁRIO Acesso ao sistema... 2 1. Login no sistema... 2 Atendente... 3 1. Abrindo uma nova Solicitação... 3 1. Consultando Solicitações... 5 2. Fazendo uma Consulta Avançada... 6 3. Alterando dados da

Leia mais

Sumário. I. Acesso ao sistema CRMTEL... 4 Como Criar Campanhas SMS...5. III. Importando uma Campanha...8. IV. Movimentando o Status da Campanha...

Sumário. I. Acesso ao sistema CRMTEL... 4 Como Criar Campanhas SMS...5. III. Importando uma Campanha...8. IV. Movimentando o Status da Campanha... Send Torpedos 2 Sumário I. Acesso ao sistema CRMTEL... 4 II. Como Criar Campanhas SMS...5 III. Importando uma Campanha...8 IV. Movimentando o Status da Campanha...11 3 I. Acesso ao sistema CRMTEL O acesso

Leia mais

Version Notes (Notas da versão) Versão 4.10.1.8-05-12-2012

Version Notes (Notas da versão) Versão 4.10.1.8-05-12-2012 Florianópolis, 05 de dezembro de 2012. Abaixo você confere as características e funcionalidades da nova versão 4.10.1.8-05-12-2012 do Channel. Para quaisquer dúvidas ou na necessidade de maiores esclarecimentos,

Leia mais

Treinamento de Utilização da Produção Repetitiva

Treinamento de Utilização da Produção Repetitiva Treinamento de Utilização da Produção Repetitiva Glossário Introdução 03 Conceitos 05 PP.002.000 - Dados Mestre 07 PP.002.010 - MRP 1 09 PP.002.010 - MRP 2 10 PP.002.010 - MRP 4 11 PP.002.010 - Esquematização

Leia mais

Nota 27 Logística Documental

Nota 27 Logística Documental Nota 27 Logística Documental Tipos de serviços de documentos para DVII: ) Requisição: Armazenagem de caixas box; Armazenagem de mídias digitais; Armazenagem de plantas de engenharia; Realização de digitalização

Leia mais

4 / Nova tela de Descrição Cirúrgica - Médicos. O que mudou?

4 / Nova tela de Descrição Cirúrgica - Médicos. O que mudou? Nova tela de Descrição Cirúrgica - Médicos. O que mudou? 1 Possibilidade de inserir uma ou varias descrições por cirurgia (uma para cada procedimento) 2 Possibilidade de inserir varias anestesias por cirurgia

Leia mais

MANUAL DE CONCILIAÇÃO BANCÁRIA MANUAL - TABELAS CONTÁBEIS E ORÇAMENTÁRIAS

MANUAL DE CONCILIAÇÃO BANCÁRIA MANUAL - TABELAS CONTÁBEIS E ORÇAMENTÁRIAS MANUAL DE CONCILIAÇÃO BANCÁRIA MANUAL - TABELAS CONTÁBEIS E ORÇAMENTÁRIAS SUMÁRIO 1 INTRODUÇÃO...3 2 APRESENTAÇÃO DO PROGRAMA...4 2.1 CONCILIAÇÃO MOVIMENTOS COM LANÇAMENTOS...6 3 PASSO A PASSO: CONCILIAÇÃO

Leia mais

SISTEMA INTEGRADO DE GESTÃO

SISTEMA INTEGRADO DE GESTÃO SISTEMA INTEGRADO DE GESTÃO RM Agilis Manual do Usuário Ouvidoria, Correspondência Interna, Controle de Processos, Protocolo Eletrônico, Solicitação de Manutenção Interna, Solicitação de Obras em Lojas,

Leia mais

Requerimento: Digitador de Pedidos ProfarmaNet. Manual de Apoio. Preparado por: Versão: 1.0. Sumário

Requerimento: Digitador de Pedidos ProfarmaNet. Manual de Apoio. Preparado por: Versão: 1.0. Sumário Vanderlei Manual de Apoio Resumo Módulo Básico Especifico para Instalação e Usabilidade Lista de Distribuição Nome Área / Função Histórico de modificações Versão Data Descrição Responsável 13/12/2013 Versão

Leia mais

Instruções de trabalho

Instruções de trabalho Navegação Básica SAP R/3 - Versão 4.7 Instruções de trabalho Objetivo Use estas instruções de trabalho para aprender a navegação básica do sistema SAP R/3, versão 4.7. Procedimento Fazer Logon no Sistema

Leia mais

Channel. Gerenciamento de Projetos. Tutorial. Atualizado com a versão 4.2

Channel. Gerenciamento de Projetos. Tutorial. Atualizado com a versão 4.2 Channel Gerenciamento de Projetos Tutorial Atualizado com a versão 4.2 Copyright 2009 por JExperts Tecnologia Ltda. todos direitos reservados. É proibida a reprodução deste manual sem autorização prévia

Leia mais

MANUAL DO USUÁRIO MODULO ALMOXARIFADO SUAP

MANUAL DO USUÁRIO MODULO ALMOXARIFADO SUAP MANUAL DO USUÁRIO MODULO ALMOXARIFADO SUAP Pouso Alegre MG 2013 SUMÁRIO 1. Introdução.... 6 2. Efetuar Entrada de Material.... 8 2.1. Entrada de Material por Compra.... 8 2.1.1. Cadastro de Empenho...

Leia mais

Microsoft Excel 2000. Alan Cleber Borim - alan.borim@poli.usp.br. http://www.pcs.usp.br/~alan

Microsoft Excel 2000. Alan Cleber Borim - alan.borim@poli.usp.br. http://www.pcs.usp.br/~alan Microsoft Excel 2000 Alan Cleber Borim - alan.borim@poli.usp.br http://www.pcs.usp.br/~alan Microsoft Índice 1.0 Microsoft Excel 2000 3 1.1 Acessando o Excel 3 1.2 Como sair do Excel 3 1.3 Elementos da

Leia mais

Capítulo 7. Sequenciamento das Tarefas

Capítulo 7. Sequenciamento das Tarefas Capítulo 7 Sequenciamento das Tarefas 125 5.1 RELACIONAMENTO ENTRE TAREFAS Para que o cronograma do projeto seja executado corretamente e as mudanças inseridas seja calculadas de forma correta é importante

Leia mais

Manual de Utilização ZENDESK. Instruções Básicas

Manual de Utilização ZENDESK. Instruções Básicas Manual de Utilização ZENDESK Instruções Básicas Novembro/2013 SUMÁRIO 1 Acesso à ferramenta... 3 2 A Ferramenta... 4 3 Tickets... 8 3.1 Novo Ticket... 8 3.2 Acompanhamentos de Tickets já existentes...

Leia mais

SUMÁRIO. 1 Cadastro Empresa / Estabelecimento ----------------------------------- Pág. 05

SUMÁRIO. 1 Cadastro Empresa / Estabelecimento ----------------------------------- Pág. 05 1 Apresentação O presente manual tem o objetivo de apresentar o sistema Fortes Compras e Estoque, instruindo o usuário sobre as funcionalidades do sistema, seus benefícios e especificidades. Nele pode

Leia mais

Manual do usuário sistema BPM

Manual do usuário sistema BPM Manual do usuário sistema BPM Conceitos Gerais O sistema BPM visa automatizar e facilitar o controle físico contábil de bens patrimoniais móveis na Prefeitura do Município de São Paulo. Entre seus inúmeros

Leia mais

Gestão de Ativos. Manual do Usuário. Treinamento Fase 1 (TRN 01)

Gestão de Ativos. Manual do Usuário. Treinamento Fase 1 (TRN 01) Gestão de Ativos Manual do Usuário Treinamento Fase 1 (TRN 01) Índice 1. Introdução... 3 2. Movimentações de Ativos... 4 2.1. Monitoração... 4 2.1.1. Monitor de Movimentação de Ativos...4 2.2. Transações...15

Leia mais

Ministério do Turismo. ONLINE Manual do Gerente. SNRHos

Ministério do Turismo. ONLINE Manual do Gerente. SNRHos Ministério do Turismo ONLINE ÍNDICE 1) OBJETIVOS... 3 2) APLICAÇÃO... 3 3) GLOSSÁRIO... 3 4) DESCRIÇÃO DAS ATIVIDADES... 3 4.1 NAVEGABILIDADE... 3 4.2 BOTÕES... 4 5) DESCRIÇÃO DAS ATIVIDADES... 6 5.1 LOGIN...

Leia mais

MATERIAL PARA CAPACITAÇÃO INTERNA DO FIPLAN

MATERIAL PARA CAPACITAÇÃO INTERNA DO FIPLAN Guia de Capacitação Concessão de Cotas Financeiras Versão 1.0 outubro 2012 MATERIAL PARA CAPACITAÇÃO INTERNA DO FIPLAN MÓDULO: PROGRAMAÇÃO FINANCEIRA INSTRUTOR: CARLOS ALBERTO PEREIRA LIMA COLABORADORES

Leia mais

Nota Fiscal Eletrônica... 5. Conceitos... 6. DANFE comum e DANFE em contingência... 7. Principais dúvidas... 8. Considerações... 9

Nota Fiscal Eletrônica... 5. Conceitos... 6. DANFE comum e DANFE em contingência... 7. Principais dúvidas... 8. Considerações... 9 Cartilha NF-e 1 Sumário Nota Fiscal Eletrônica... 5 Conceitos... 6 DANFE comum e DANFE em contingência... 7 Principais dúvidas... 8 Considerações... 9 Procedimento para operacionalização da NF-e... 10

Leia mais

Passo a Passo do Orçamentos de Entrada no SIGLA Digital

Passo a Passo do Orçamentos de Entrada no SIGLA Digital Passo a Passo do Orçamentos de Entrada no SIGLA Digital Página 1 de 9 Este é um dos principais módulos do SIGLA Digital. Utilizado para dar entrada de produtos no estoque, essa ferramenta segue a seguinte

Leia mais

Guia Prático, de utilização da Metodologia Basic Methodware, no Serena OpenProj versão 1.4. A3.1 Criando um Projeto no Serena OpenProj

Guia Prático, de utilização da Metodologia Basic Methodware, no Serena OpenProj versão 1.4. A3.1 Criando um Projeto no Serena OpenProj Guia Prático, de utilização da Metodologia Basic Methodware, no Serena OpenProj versão 1.4 Aplicação no Projeto exemplo: Treinamento em Gerenciamento de Projetos Colaboração: Flávio Giovani Brasil de Carvalho

Leia mais

Manual do Sistema de Almoxarifado P á g i n a 2. Manual do Sistema de Almoxarifado Módulo Requisição. Núcleo de Tecnologia da Informação

Manual do Sistema de Almoxarifado P á g i n a 2. Manual do Sistema de Almoxarifado Módulo Requisição. Núcleo de Tecnologia da Informação Divisão de Almoxarifado DIAX/CGM/PRAD Manual do Sistema de Almoxarifado Módulo Requisição Versão On-Line Núcleo de Tecnologia da Informação Universidade Federal de Mato Grosso do Sul Manual do Sistema

Leia mais

CRASP. Conteúdo Sobre o sistema...

CRASP. Conteúdo Sobre o sistema... CRASP Conteúdo Sobre o sistema...... 2 Acessando o sistema...... 2 Registro de chamados... 3 Anexando arquivos ao chamado aberto... 4 Acompanhamento do chamado... 6 Registrando uma ocorrência no chamado

Leia mais

MANUAL DE UTILIZAÇÃO DO MODULO OPERACIONAL

MANUAL DE UTILIZAÇÃO DO MODULO OPERACIONAL MANUAL DE UTILIZAÇÃO DO MODULO OPERACIONAL TISS 3.02.00 Setembro 2015 - Versão 3 Índice Passo 1: Visão Geral... 3 Passo 2: Como acessar o Consultório Online?... 3 Passo 3: Quais são os Recursos Disponíveis...

Leia mais

Manual do Almoxarifado SIGA-ADM

Manual do Almoxarifado SIGA-ADM Manual do Almoxarifado SIGA-ADM DIRETORIA DE GESTÃO DA TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO(DGTI) MARÇO/2012 Requisição de Almoxarifado Requisições O sistema retornará a tela do menu de Administração. Nela selecione

Leia mais

Sumário I. Acesso ao sistema CRMTEL II. Como Cadastrar o Cliente III. Cliente já Cadastrado IV. Filtro de Clientes Atribuindo a Segmentação VI.

Sumário I. Acesso ao sistema CRMTEL II. Como Cadastrar o Cliente III. Cliente já Cadastrado IV. Filtro de Clientes Atribuindo a Segmentação VI. Módulo Clientes 2 Sumário I. Acesso ao sistema CRMTEL... 4 II. Como Cadastrar o Cliente... 5 III. Cliente já Cadastrado... 12 IV. Filtro de Clientes... 13 V. Atribuindo a Segmentação... 15 VI. Atribuindo

Leia mais

1. Informações sobre Inventário 2

1. Informações sobre Inventário 2 INVENTÁRIO 1. Informações sobre Inventário 2 2. Etapas do Inventário 3 2.1 Etapa 1: Premisas para o Inventário 3 2.1.1 Criando um Novo Inventário 7 2.2 Etapa 2: Contagem 20 2.2.1 Inserindo Contagem/Contagens

Leia mais

Manual de Instruções para gerar arquivo do SIOPS na Contabilidade - BW Sistemas

Manual de Instruções para gerar arquivo do SIOPS na Contabilidade - BW Sistemas Manual de Instruções para gerar arquivo do SIOPS na Contabilidade - BW Sistemas 2 SUMÁRIO Apresentação...3 Instruções para gerar o arquivo da RECEITA:...3 Tela inicial do Siops...3 Tela Na Contabilidade...6

Leia mais

MANUAL COMO CRIAR UM PROJETO

MANUAL COMO CRIAR UM PROJETO MANUAL COMO CRIAR UM PROJETO MICROSOFT PROJECT 2010 Menu: Projeto > Informações do Projeto 1º Passo: Criando um novo projeto Um projeto pode ser agendado a partir da Data de inicio do projeto ou Data de

Leia mais

Módulo de Georreferenciamento. Sistema. Página 1/75

Módulo de Georreferenciamento. Sistema. Página 1/75 Módulo de Georreferenciamento Sistema Página 1/75 Para iniciar o Módulo de Georreferenciamento acesse, no AutoCAD a partir do Menu flutuante >Posição >Georreferenciamento >Módulo de Georreferenciamento.

Leia mais

Página 1. Manual do Operador de Caixa

Página 1. Manual do Operador de Caixa Página 1 Manual do Operador de Caixa Página 2 Sumário Conhecendo a tela de abertura do sistema... 03 Tela principal do sistema... 05 Tela de consulta... 06 Inserir clientes na venda... 07 Funções especiais...

Leia mais

Sistema Integrado de Gerenciamento ARTESP MANUAL DO USUÁRIO SIGA EXTRANET - FRETAMENTO

Sistema Integrado de Gerenciamento ARTESP MANUAL DO USUÁRIO SIGA EXTRANET - FRETAMENTO Sistema Integrado de Gerenciamento ARTESP MANUAL DO USUÁRIO SIGA EXTRANET - FRETAMENTO Versão 1.0 Julho/2012 ÍNDICE 1 REQUISITOS MÍNIMOS PARA INSTALAÇÃO... 4 1.1 Equipamento e Sistemas Operacionais 4 1.1.1

Leia mais

Passo a Passo do Fluxo de Caixa no SIGLA Digital

Passo a Passo do Fluxo de Caixa no SIGLA Digital Página 1 de 9 Passo a Passo do Fluxo de Caixa no SIGLA Digital Este é um dos principais módulos do Sigla Digital. Ferramenta de controle financeiro das empresas cadastradas no Sigla Digital. Por essa ferramenta

Leia mais

FUNCIONALIDADES / MODIFICAÇÕES SISTEMA

FUNCIONALIDADES / MODIFICAÇÕES SISTEMA FUNCIONALIDADES / MODIFICAÇÕES SISTEMA 03/09/2014 EXTRATO DE CONTAS E CONFIGURAÇÃO DE REPASSE Na seção "Financeiro" da página do cliente, você irá encontrar a listagem das Contas Internas do mesmo. Na

Leia mais

Tutorial do Sistema de Requerimentos On-line

Tutorial do Sistema de Requerimentos On-line Tutorial do Sistema de Requerimentos On-line Atenção: Os requerimentos de segunda oportunidade, matrícula em disciplina, rematrícula, matrícula em dependência e trabalhos orientados só poderão ser abertos

Leia mais

Passo a Passo. Sistema integrado de gerenciamento de obras SIGOB Reanálise Visita Técnica

Passo a Passo. Sistema integrado de gerenciamento de obras SIGOB Reanálise Visita Técnica 1 1/39 1 1/39 SUMÁRIO 1. ACESSO AO SIGOB... 2 2. REANÁLISE DA VISITA TÉCNICA (MSD)... 3 3. REANÁLISE DA VISITA TÉCNICA (ÁGUA/ESGOTO)... 7 4. INFORMAÇÕES GERAIS... 14 1 2/39 1. ACESSO AO SIGOB Para acessar

Leia mais

SSE 3.0. Guia Rápido. Módulo Secretaria. Nesta Edição

SSE 3.0. Guia Rápido. Módulo Secretaria. Nesta Edição SSE 3.0 Guia Rápido Módulo Secretaria Nesta Edição 1 Acessando o Módulo Secretaria 2 Cadastros Auxiliares 3 Criação de Modelos Definindo o Layout do Modelo Alterando o Layout do Cabeçalho 4 Parametrização

Leia mais

e-fornecedores Nova Versão Cartilha do Fornecedor

e-fornecedores Nova Versão Cartilha do Fornecedor e-fornecedores Nova Versão Cartilha do Fornecedor Destinada aos Fornecedores das empresas: Outubro/2010 Nova Estrutura de Telas O portal e-fornecedores conta com nova interface, que facilita a forma de

Leia mais

Controle Patrimonial WEB

Controle Patrimonial WEB Cccc Controle Patrimonial WEB Manual Unidade de Guarda Conteúdo 1. Acessar o Controle Patrimonial - Web... 4 1.1. Login... 4 1.2. Esquecer sua senha?... 5 2. Alterar a senha... 6 3. Cadastrar novo usuário...

Leia mais

Tesche & Vasconcelos - Ciaf. Emissão primeira NF-e pelo Ciaf-800

Tesche & Vasconcelos - Ciaf. Emissão primeira NF-e pelo Ciaf-800 Emissão primeira NF-e pelo Ciaf-800 Para emissão da primeira Nota Fiscal eletrônica pelo Ciaf-800 a mesma deve ser obrigatoriamente uma nota de teste. Para que possa efetuar esta emissão faça o seguinte

Leia mais

UNIVERSIDADE CANDIDO MENDES PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU INSTITUTO A VEZ DO MESTRE

UNIVERSIDADE CANDIDO MENDES PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU INSTITUTO A VEZ DO MESTRE UNIVERSIDADE CANDIDO MENDES PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU INSTITUTO A VEZ DO MESTRE O MÓDULO PS DO SAP NO GERENCIAMENTO DE PROJETOS Por: Rosemary Cardoso da Silva Orientador Prof. Nelsom Magalhães Rio de Janeiro

Leia mais

SIGA Sistema de Gestão de Almoxarifado

SIGA Sistema de Gestão de Almoxarifado SIGA Sistema de Gestão de Almoxarifado Como acessar O acesso ao Sistema se faz através da página da SEPLAG Clicando no Link destacado Clicar no Link destacado e será exibida a tela de login do Guardião.

Leia mais

www.siteware.com.br Versão 2.6

www.siteware.com.br Versão 2.6 www.siteware.com.br Versão 2.6 Sumário Apresentação... 4 Login no PortalSIM... 4 Manutenção... 5 Unidades... 5 Unidades... 5 Grupos de CCQ... 5 Grupos de unidades... 6 Tipos de unidades... 6 Sistema de

Leia mais

Manual Laboratório. ICS Sistemas de Gestão em Saúde ICS 01/01/2014

Manual Laboratório. ICS Sistemas de Gestão em Saúde ICS 01/01/2014 2014 Manual Laboratório ICS Sistemas de Gestão em Saúde ICS 01/01/2014 Sumário Acesso ao Sistema... 2 Menu Cadastros... 4 Cadastro de usuários... 4 Inclusão de Novo Usuário... 5 Alteração de usuários...

Leia mais

Consultório Online. Manual de Utilização do Módulo Operacional. índice. Guias consulta / SADT (Solicitação, Execução com Guia e Autogerada): 4

Consultório Online. Manual de Utilização do Módulo Operacional. índice. Guias consulta / SADT (Solicitação, Execução com Guia e Autogerada): 4 índice Passo 1: Visão geral 3 Passo 2: Como acessar o Consultório Online? 3 Passo 3: Recursos disponíveis 4 Guias consulta / SADT (Solicitação, Execução com Guia e Autogerada): 4 Pesquisa de histórico

Leia mais

Sumário INTRODUÇÃO... 3 INTEGRAÇÃO COM O EMPRESÁRIOERP... 3 AGILIDADE NOS PROCESSOS E APOIO AOS CONTROLES INTERNOS... 3 SAC - ATENDIMENTO...

Sumário INTRODUÇÃO... 3 INTEGRAÇÃO COM O EMPRESÁRIOERP... 3 AGILIDADE NOS PROCESSOS E APOIO AOS CONTROLES INTERNOS... 3 SAC - ATENDIMENTO... Sumário INTRODUÇÃO... 3 INTEGRAÇÃO COM O EMPRESÁRIOERP... 3 AGILIDADE NOS PROCESSOS E APOIO AOS CONTROLES INTERNOS... 3 SAC - ATENDIMENTO... 4 CADASTRO DO TIPO DO ATENDIMENTO... 5 CADASTRO DE CATEGORIAS...

Leia mais

Neste curso, seguiremos um tutorial de aprendizado. Este tutorial, por sua vez, segue as nossas etapas essenciais de planejamento como visto abaixo.

Neste curso, seguiremos um tutorial de aprendizado. Este tutorial, por sua vez, segue as nossas etapas essenciais de planejamento como visto abaixo. 1. Criação e Edição de Projetos 1.1. Visão Geral: Neste curso, seguiremos um tutorial de aprendizado. Este tutorial, por sua vez, segue as nossas etapas essenciais de planejamento como visto abaixo. Planejamento

Leia mais

EMPRESAS RANDON MANUAL DE ACESSO PORTAL DE FORNECEDOR QUALIDADE

EMPRESAS RANDON MANUAL DE ACESSO PORTAL DE FORNECEDOR QUALIDADE EMPRESAS RANDON MANUAL DE ACESSO PORTAL DE FORNECEDOR QUALIDADE 1 Índice 1. Solicitando acesso ao Portal de Fornecedor...3 2. Configurando o acesso ao Portal de Fornecedor...4 3. Acessando o Portal de

Leia mais

Projeto SIGA-EPT. Manual do usuário Módulo Requisição de Almoxarifado SISTEMA INTEGRADO DE GESTÃO ACADÊMICA

Projeto SIGA-EPT. Manual do usuário Módulo Requisição de Almoxarifado SISTEMA INTEGRADO DE GESTÃO ACADÊMICA Projeto SIGA-EPT Manual do usuário Módulo Requisição de Almoxarifado SISTEMA INTEGRADO DE GESTÃO ACADÊMICA Versão setembro/2010 Requisição de Almoxarifado Introdução Requisição é uma solicitação feita

Leia mais

ÍNDICE. Sobre o SabeTelemarketing 03. Contato. Ícones comuns à várias telas de gerenciamento. Verificar registros 09. Tela de relatórios 09

ÍNDICE. Sobre o SabeTelemarketing 03. Contato. Ícones comuns à várias telas de gerenciamento. Verificar registros 09. Tela de relatórios 09 ÍNDICE Sobre o SabeTelemarketing 03 Ícones comuns à várias telas de gerenciamento Contato Verificar registros 09 Telas de cadastro e consultas 03 Menu Atalho Nova pessoa Incluir um novo cliente 06 Novo

Leia mais

MANUAL SISGRU Sistema de Gestão de Recolhimento da União

MANUAL SISGRU Sistema de Gestão de Recolhimento da União MANUAL SISGRU Sistema de Gestão de Recolhimento da União COFIN/GEARE SUMÁRIO INTRODUÇÃO... 1 1. Acesso ao Sistema SISGRU... 2 2. Módulo Consultar GRU... 3 2.1. Como realizar consulta de GRU... 5 2.1.1.

Leia mais

SOS Sistema de Ordem de Serviço SOS SISTEMA DE ORDEM DE SERVIÇO MANUAL DO USUÁRIO. SC Software www.scsoftware.weebly.com

SOS Sistema de Ordem de Serviço SOS SISTEMA DE ORDEM DE SERVIÇO MANUAL DO USUÁRIO. SC Software www.scsoftware.weebly.com SOS SISTEMA DE ORDEM DE SERVIÇO MANUAL DO USUÁRIO INTRODUÇÃO SOS Sistema de Ordem de Serviço Este manual tem por objetivo demonstrar como utilizar o módulo de ordem de serviço no sistema SOS. Com ele você

Leia mais

Este manual irá guia-lo passo a passo na geração de um Lote de Guia e, como transmitir o arquivo para gerar o xml no padrão TISS.

Este manual irá guia-lo passo a passo na geração de um Lote de Guia e, como transmitir o arquivo para gerar o xml no padrão TISS. FATURAMENTO ELETRO NICO - SADT Este manual irá guia-lo passo a passo na geração de um Lote de Guia e, como transmitir o arquivo para gerar o xml no padrão TISS. LANÇANDO SADT Para enviar o faturamento

Leia mais

Trabalho Interdisciplinar. MS Project

Trabalho Interdisciplinar. MS Project Aula Prática: Introdução ao Microsoft Project Professional MS Project Como vimos em nossas aulas, a EAP Estrutura Analítica do Projeto é o primeiro passo para criar um cronograma de um projeto estruturado.

Leia mais

Curso de Capacitação ao Sistema CDV. - GID Desmanches -

Curso de Capacitação ao Sistema CDV. - GID Desmanches - Curso de Capacitação ao Sistema CDV - GID Desmanches - Coordenadoria de Gestão de Desmanches Divisão de Desmanches Conteúdo Módulo 1 Como utilizar o Moodle... 4 Módulo 2 - Acessando o GID CDV... 4 Aula

Leia mais

CORPO DE BOMBEIROS MILITAR DO DISTRITO FEDERAL. CERBERUS Manual do sistema Versão 1.0

CORPO DE BOMBEIROS MILITAR DO DISTRITO FEDERAL. CERBERUS Manual do sistema Versão 1.0 CORPO DE BOMBEIROS MILITAR DO DISTRITO FEDERAL CERBERUS Manual do sistema HISTÓRICO DA REVISÃO Data Versão Descrição Autor 07/08/2014 1.0 Criação do documento Antonio Rogério da Costa Silva LISTA DE FIGURAS

Leia mais

Malote Digital. Manual do usuário

Malote Digital. Manual do usuário Malote Digital Manual do usuário Brasília, Novembro de 2014 HISTÓRICO DE REVISÃO Data Versão Descrição Autor 03/10/2011 1.4.1 Elaboração do Documento Rodrigo Antunes 01/07/2013 1.8.0.0 Atualização do Documento

Leia mais

Ajuda do Sistema Aquarius.

Ajuda do Sistema Aquarius. Ajuda do Sistema Aquarius. Esta ajuda é diferenciada da maioria encontrada nos sistemas de computador do mercado. O objetivo desta ajuda é literalmente ajudar o usuário a entender e conduzir de forma clara

Leia mais

Tutorial de utilização do Sistema de Ordem de Serviço SISORD. Para utilizar o sistema, acesse o endereço https://producao.cedaf.ufv.

Tutorial de utilização do Sistema de Ordem de Serviço SISORD. Para utilizar o sistema, acesse o endereço https://producao.cedaf.ufv. Tutorial de utilização do Sistema de Ordem de Serviço SISORD Para utilizar o sistema, acesse o endereço https://producao.cedaf.ufv.br/sisordcaf Automaticamente será mostra a tela de login dos sistemas

Leia mais

Sistema de Planejamento

Sistema de Planejamento Sistema de Planejamento Copyright 2013 by Softplan Rod. José Carlos Daux, km 1, Nº 10 Centro de Tecnologia Ilhasoft - ParqueTecAlfa João Paulo CEP 88030-000 Florianópolis SC Telefone: (48) 3027-8000 Homepage:

Leia mais

PORTAL DE COMPRAS SÃO JOSÉ DO RIO PRETO

PORTAL DE COMPRAS SÃO JOSÉ DO RIO PRETO Compra Direta - Guia do Fornecedor PORTAL DE COMPRAS SÃO JOSÉ DO RIO PRETO Página As informações contidas neste documento, incluindo quaisquer URLs e outras possíveis referências a web sites, estão sujeitas

Leia mais

SISTEMA DE GESTÃO DE RECURSOS HUMANOS

SISTEMA DE GESTÃO DE RECURSOS HUMANOS SISTEMA DE GESTÃO DE RECURSOS HUMANOS MANUAL DE PROCEDIMENTOS V PORTAL WEB Revisão: 07 Versão: 7.9.109 JM Soft Informática Março, 2015 SUMÁRIO 1 AVALIAÇÕES... 9 2 PLANO DE DESENVOLVIMENTO INDIVIDUAL...

Leia mais

DRIVE CONTÁBIL NASAJON

DRIVE CONTÁBIL NASAJON DRIVE CONTÁBIL NASAJON Módulo Gestão de Documentos Versão 1.0 Manual do Usuário 1 Sumário Os Módulos do Gerenciador de NFe: Informações Básicas Primeiro Acesso: Requisitos Acesso ao Drive Contábil Nasajon

Leia mais

Prestação de contas de viagem

Prestação de contas de viagem - Digitar TRIP no campo Campo de comandos e pressionar a tecla Enter, será exibida a tela principal do gerenciador de viagens. 2 2 - Para iniciar a prestação de contas referente à viagem em aberto, clicar

Leia mais

MANUAL DO USUÁRIO VERSÃO 2.0

MANUAL DO USUÁRIO VERSÃO 2.0 SCM Sistema de Controle de Manutenção MANUAL DO USUÁRIO VERSÃO 2.0 Sumário 1 INTRODUÇÃO...1 2 USUÁRIOS E PERFIS...1 3 UTILIZAÇÃO DO SISTEMA...1 4 VISÃO GERAL DO SISTEMA...2 4.1 Fluxo normal...2 4.2 Fluxo

Leia mais

AVISO. O conteúdo deste documento é de propriedade intelectual exclusiva da GVDASA Sistemas e está sujeito a alterações sem aviso prévio.

AVISO. O conteúdo deste documento é de propriedade intelectual exclusiva da GVDASA Sistemas e está sujeito a alterações sem aviso prévio. AVISO O conteúdo deste documento é de propriedade intelectual exclusiva da GVDASA Sistemas e está sujeito a alterações sem aviso prévio. Nenhuma parte desta publicação pode ser reproduzida nem transmitida

Leia mais

Sistematic Tecnologia e Sistemas de Informação LTDA

Sistematic Tecnologia e Sistemas de Informação LTDA Manual do Usuário SisCommercePDV NFC-e Sistematic Tecnologia e Sistemas de Informação LTDA MANUAL DO USUÁRIO SisCommercePDV Emissor de Nota Fiscal do Consumidor Eletrônica (NFC-e) *Manual em desenvolvimento

Leia mais

LINX POSTOS AUTOSYSTEM

LINX POSTOS AUTOSYSTEM LINX POSTOS AUTOSYSTEM Manual Borderô de Pagamento e Aprovação de Lançamentos Sumário 1 CONCEITO... 4 2 REQUISITOS... 4 3 CONFIGURAÇÕES... 4 3.1 Permissões de Acesso... 4 3.2 Cadastrar Fornecedor... 5

Leia mais

Sistema Protocolo, Tramitação e Arquivamento de Processos Manual do Usuário

Sistema Protocolo, Tramitação e Arquivamento de Processos Manual do Usuário SERVIÇO PÚBLICO UNIVERSIDADE FEDERAL DO PARÁ ARQUIVO CENTRAL Sistema Protocolo, Tramitação e Arquivamento de Processos Manual do Usuário Belém Pará Fevereiro 2000 Sumário Introdução... 3 Acesso ao Sistema...

Leia mais

Passo a Passo do Cadastro Produtos no SIGLA Digital

Passo a Passo do Cadastro Produtos no SIGLA Digital Página 1 de 15 Passo a Passo do Cadastro Produtos no SIGLA Digital O cadastro de produtos permite organizar as informações relativas a produtos e serviços, como grupo, marca, peso, unidades e outros, que

Leia mais

CAPES - MEC COLETA DE DADOS 9.01 MANUAL SIMPLIFICADO DO USUÁRIO 2006

CAPES - MEC COLETA DE DADOS 9.01 MANUAL SIMPLIFICADO DO USUÁRIO 2006 CAPES - MEC COLETA DE DADOS 9.01 MANUAL SIMPLIFICADO DO USUÁRIO 2006 1 APRESENTAÇÃO...2 2 INSTALAÇÃO...2 3 IMPORTAÇÃO DO ARQUIVO ESPECÍFICO...3 4 IMPORTAÇÃO DE DADOS DO CADASTRO DE DISCENTES...4 5 PREENCHIMENTO

Leia mais

Manual Ciaf NFC-e Gratuito. Cadastro de Clientes 2 Cadastro de Produtos 4 Caixa Diário 9 Cadastro de formas de Pagamento NFCe 13 Emissão NFC-e 17

Manual Ciaf NFC-e Gratuito. Cadastro de Clientes 2 Cadastro de Produtos 4 Caixa Diário 9 Cadastro de formas de Pagamento NFCe 13 Emissão NFC-e 17 Manual Ciaf NFC-e Gratuito Cadastro de Clientes 2 Cadastro de Produtos 4 Caixa Diário 9 Cadastro de formas de Pagamento NFCe 13 Emissão NFC-e 17 1 Cadastro de Clientes Nesta opção iremos armazenar no sistema

Leia mais

Tutorial Administrativo (Backoffice)

Tutorial Administrativo (Backoffice) Manual - Software ENTRANDO NO SISTEMA BACKOFFICE Para entrar no sitema Backoffice, digite no seu navegador de internet o seguinte endereço: http://pesquisa.webbyapp.com/ Entre com o login e senha. Caso

Leia mais

Recursos do Outlook Web Access

Recursos do Outlook Web Access Recursos do Outlook Web Access Este material foi criado pela Secretaria de Tecnologia de Informação e Comunicação (SETIC) do Tribunal Regional do Trabalho da 17ª Região. Seu intuito é apresentar algumas

Leia mais

ANÁLISE DE PROJETO NO TEMPO. Construção de uma pequena casa: Código Tarefa Duração Precedências

ANÁLISE DE PROJETO NO TEMPO. Construção de uma pequena casa: Código Tarefa Duração Precedências CAPÍTULO 3 ANÁLISE DE PROJETO NO TEMPO Exemplo Construção de uma pequena casa: Código Tarefa Duração Precedências (semanas) 1 Preparo do terreno 2 --- 2 Fundações 3 1 3 Alvenaria 3 2 4 Esgotos 1 2 5 Telhado

Leia mais