ANEXO I ESPECIFICAÇÃO TÉCNICA INFRAESTRUTURA

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "ANEXO I ESPECIFICAÇÃO TÉCNICA INFRAESTRUTURA"

Transcrição

1 ANEXO I ESPECIFICAÇÃO TÉCNICA ITEM REQUISITOS TÉCNICOS INFRAESTRUTURA Ser compatível com um dos seguintes sistemas operacionais abaixo relacionados: - Red Hat Enterprise Linux 6 ou superior - Windows Server SE/EE 2008 R2 ou superior Ser hospedada em pelo menos um dos seguintes produtos "servidores de aplicação" listados abaixo, caso seja uma aplicação JEE: - Oracle Weblogic 12c ou superior - Tomcat 6.0 ou superior - Jboss 6 ou superior Ser capaz de ler e importar dados nos seguintes formatos: - ORACLE Database 11g ou superior - Conector nativo para este produto - SQL Server 2008 ou superior - PostgresSQL 8.4 ou superior - MySQL 5.1 ou superior -.TXT -.CSV -.XLS e.xlsx Ser compatível com os seguintes navegadores internet: - Internet Explorer 8.0 ou superior - Firefox 31.0 ou superior - Google Chrome 38.0 ou superior Página da documentação - ANEXO I Solução de Descoberta de Dados 1/17

2 Ser compatível com solução de virtualização em ambiente VMWare Vsphere 5 ou superior Ser compatível com estações de trabalho Windows 7 (ou superior) nas plataformas 32 e 64 bits, em Português, caso possua cliente para desenvolvimento Permitir recursos de criação, alteração e customização de painéis e relatório por interface Web Permitir integração com serviço de correio eletrônico por meio do protocolo SMTP Autenticado e por relação de confiança entre servidores Garantir que todas as funcionalidades da solução sejam preservadas para usuários que acessem a ferramenta, remotamente, por circuitos de no mínimo 512 Kbps Garantir que todas as funcionalidades da solução sejam preservadas para usuários que acessem a ferramenta, remotamente, por circuitos satélite (alta latência) Permitir que a base de metadados (ou similar), essencial para o funcionamento da ferramenta, caso faça uso desta, seja instalada em um servidor diferente do servidor da solução e ser compatível com um dos SGBD's listados: Oracle 11g ou superior, MS SQL Server 2008 ou superior, PostgreSQL 8.2 ou superior A interface com usuário deve estar no idioma Português (falado no Brasil) Fazer uso da tecnologia in-memory, ou seja, carregar todos os dados selecionados pelo usuário, em todos os níveis de detalhe possíveis, diretamente na memória RAM do servidor de forma compactada. Esse recurso visa à maximização da velocidade na consulta Não deverá haver limite para informações carregadas na memória do servidor, a solução deverá permitir gerenciar pelo menos 2TB (dois Tera Bytes) de dados na memória do servidor, mesmo que este volume exceda a capacidade de memória física do servidor. - ANEXO I Solução de Descoberta de Dados 2/17

3 Fornecer um repositório central, armazenado em banco de dados, para controle de versão e passagem de objetos para outros ambientes facilitando o reuso no desenvolvimento Permitir a escalabilidade vertical do hardware sem que haja a necessidade de alteração nas aplicações hospedadas Permitir a escalabilidade horizontal de hardware, permitindo a configuração de cluster e uso de load balance entre equipamentos servidores, sem que haja a necessidade de contratação de software de terceiros e que haja necessidade de alteração do código da aplicação por parte do operador ou desenvolvedor. SEGURANÇA E ADMINISTRAÇÃO Permitir a autenticação dos usuários em serviço de diretório de usuários utilizando o protocolo LDAP, sem uso de replicação Ser totalmente compatível com comunicação segura entre os diferentes componentes da solução e com a estação de trabalho (quando houver) usando padrões de criptografia e protocolos, ambos não proprietários (Ex. SSL, SSH) Registrar, em log, eventos de segurança como tentativas de logon mal sucedidos e tentativa de uso não autorizado 21 Prover logs e capacidade de análise para efeito de auditoria de acessos, com recursos da solução proposta, em que se considere, no mínimo, o seguinte: Data e hora de criação do log; Data e hora de início de sessão, por usuário; Data e hora de término de sessão, por usuário; Identificação de usuário (autenticação LDAP); Porta utilizada pelo servidor que disponibiliza acesso à aplicação; IP do ponto de acesso utilizado pelo usuário; - ANEXO I Solução de Descoberta de Dados 3/17

4 Porta do ponto de acesso utilizado pelo usuário; Aplicações acessadas; 22 Suportar conectividade por meio de um servidor proxy 23 Possuir interface que permita ao administrador do ambiente monitorar e realizar auditorias dos processamentos 24 Permitir a definição de perfis de acesso e permissionamento para usuários e grupos de usuários configurados no LDAP corporativo. Possuir, no mínimo cinco perfis com diferentes níveis de acesso: - Operador: monitoração, execução das rotinas de importação/conexão de dados e passagem de objetos para produção via navegador web e linha de comando - Administrador: análise de log, configuração do ambiente, análise de performance, gerenciar usuários e configurar regras de segurança dos objetos. configuração das conexões e mapeamentos, tudo via navegador Web - Usuário final: visualização de todos os tipos de painéis, relatórios e dashboards via navegador web, imprimir, fazer drill down, classificar, escolher formato de grades e gráficos, bem como interagir com os relatórios e gráficos disponíveis, tudo através de navegador web - Usuário avançado: além das características do usuário final, podem realizar a criação de painéis, relatórios e dashboards, consulta a modelagem de dados, podem fazer drill down em qualquer lugar, editar totais, criar relatórios dinâmicos, adicionar ou remover campos de um relatório, criar métricas derivadas, alterar relatórios ou consultas ad hoc, desenhar scorecards, dashboards e todo tipo de relatórios a partir do zero. Este usuário também tem a capacidade de formatação avançada, gráficos, alertas, criação de métricas calculadas, grupos customizados e filtro, tudo através de navegador web - Desenvolvedor: tudo que o usuário avançado faz, poder desenvolver todos os objetos básicos e avançados da camada semântica, realizar transformações, poder gerar o modelo organizacional de um negócio com metadados centralizados, reutilizáveis, realizar mapeamento de estrutura física de dados para os objetos da solução e criar um conjunto de atributos de termos institucionais (atributos e eventos) que são - ANEXO I Solução de Descoberta de Dados 4/17

5 familiares aos usuários, criação de rotinas de importação/conexão de dados, modelagem de dados, análise de performance Permitir a restrição de acesso a nível de grupos de usuários cadastrados no LDAP corporativo para os painéis, relatórios e objetos criados Permitir a restrição de acesso e permissão a nível de grupos de usuários no LDAP corporativo para acesso a camada semântica dos dados Permitir restrição de visualização de dados de um relatório em função de cada um dos perfis definidos com base no perfil e grupo do LDAP no qual o usuário pertença Não apresentar restrições técnicas em relação à quantidade de usuários que fazem acesso simultaneamente, desde que devidamente licenciados Possuir um módulo único e central de administração do ambiente via navegador web Oferecer manual online na aplicação web e base de conhecimento em Português - Brasil Permitir adicionar uma fonte de dados, sem a necessidade de codificação 32 Permitir depurar interativamente a aplicação de descoberta de dados Permitir mecanismos de limitação de consumo de recursos do ambiente por projeto Permitir a migração das aplicações entre os ambientes de desenvolvimento, homologação e produção por interface gráfica e linha de comando. O objeto exportado não deve conter dados como IP, nome de servidor ou de cluster e não deve requerer alteração na aplicação para ser migrada para outros ambientes ACESSO A FONTE DE DADOS 35 Gerenciar as importações e conexão a dados, e seu agendamento, - ANEXO I Solução de Descoberta de Dados 5/17

6 internamente sem a necessidade de aquisição de outros produtos ou tipos de licenças para esse fim Permitir o acesso à dados que estejam em diversos modelos, tais como: relacional normalizado, esquema estrela e suas variações. Permitir que os processos de importação/conexão de dados possam ser depurados passo a passo, facilitando o encontro de um erro e de sua causa, quando ocorrer Permitir a criação e visualização do modelo de dados usados pela ferramenta para exibir as dimensões e medidas aos usuários finais Permitir a execução da importação de dados parcial e incremental dos dados transacionais Permitir o tratamento e uso de cláusula "WHERE" na coleta e filtros de dados em tempo de carga Possuir indicadores que informem ao usuário se houve alguma falha no processo de importação/conexão de dados e se os dados disponibilizados encontram-se íntegros e envio de alerta por automaticamente para o administrador do ambiente ou a quem for configurado Permitir a automação, agendamento e monitoramento dos processos de importação/conexão dos dados na ferramenta. Permitir abortar esta execução. Suportar as seguintes funções no processo de importação/conexão de dados: funções de agregação; funções numéricas gerais; funções de intervalo; funções exponenciais e logarítmicas; funções trigonométricas e hiperbólicas; funções financeiras, constantes matemáticas e funções sem parâmetros; funções de contador; funções de caractere; funções de mapeamento; funções condicionais; funções lógicas; funções para tratamento de NULL; funções de data e hora; funções de interpretação numérica; funções para tratamento de formato; funções de cor e funções estatísticas; 44 Disponibilizar de forma integrada e nativa à solução apresentada, ferramenta de visualização do modelo de dados definido através do - ANEXO I Solução de Descoberta de Dados 6/17

7 processo de importação de dados, com capacidade de visualização, no mínimo, dos dados alimentados, bem como número de registros carregados em cada tabela, campos, e seus respectivos tipos Disponibilizar arquivo log, resultante da importação de dados, em que estejam identificados, no mínimo, os seguintes elementos: tabelas e arquivos carregados, respectivos campos criados, número de registros, tempo de carga de cada tabela ou arquivo Possibilitar o agendamento de execução do processo de importação de dados, quer por definição por períodos (diário, hora, mensal) quer por encadeamento de eventos (um processo só poder iniciar se o anterior terminou com sucesso) 47 Prover conector para redes sociais como Twitter Prover suporte para fontes de dados não estruturados como MapReduce, NoSQL e texto. A solução deve permitir a integração com o Apache Hadoop versão 1.x.x e 2.x.x. Permitir selecionar a fonte de dados desejada especificando o nome e senha do usuário para a fonte de dados; 50 Permitir a inclusão de tabelas de valores fixos para criação de dimensões; 51 Permitir que sejam apresentadas estatísticas de volume de dados e janelas de tempo de processamento para cada um dos processos executados; 52 Permitir o acesso a dados que estejam em diferentes modelos de dados; 53 Permitir que em um mesmo processo de importação/conexão de dados, seja estabelecida a integração de dados a partir de fontes e ambientes distintos, combinando fontes distintas na mesma consulta, quer sejam estruturados ou não estruturados, de forma nativa e sem custo adicional (i.e. arquivo.xls com uma base relacional). 54 Permitir adicionar uma fonte de dados sem necessidade de codificação; 55 Não limitar o número de fontes de dados acessadas pela ferramenta; Não deve haver limitações ao número de tabelas de entrada de dados - ANEXO I Solução de Descoberta de Dados 7/17

8 BACKUP E RESTAURAÇÃO 56 Permitir backup e restauração da camada semântica de dados 57 Permitir backup e restauração dos relatórios, painéis e objetos criados 58 Permitir automação, agendamento e monitoramento, bem como configuração de backup e restauração por linha de comando e interface gráfica, com possibilidade de execução para um único objeto individualmente e para todo o ambiente USO EM DISPOSITIVOS MÓVEIS 59 Prover capacidade de uso a partir de recursos de mobilidade Prover recurso nativo de disponibilização de aplicações através de HTML 5, e sem a necessidade de desenvolvimento de novos componentes para as plataformas móveis. Usuários na plataforma móvel deverão visualizar e interagir com relatórios, painéis e dashboards, alterando a forma de visualização de gráficos, medidas e somatórios dos dados. Nenhum dado deve ser armazenado em dispositivos móveis, através dos quais se desenvolve o acesso ao servidor de aplicações. Ou seja, os dados deverão ser armazenados exclusivamente no servidor, e o usuário deverá acessar a aplicação sem armazenamento local no dispositivo móvel, todo acesso deverá ser efetuado por HTML Oferecer saídas visualmente atraentes, com componentes animados, Ícones grandes, botões, menus e seletores e tamanho de fonte adequada de acordo com o tamanho de tela do dispositivo, e envolvendo gráficos, e layout de tabelas; Permitir que usuários sejam aptos a interagir com os componentes de relatório, obtendo feedback sobre suas ações tais como em uma barra de um gráfico e obter detalhes da informação; 64 Fornecer formas de manipular as representações visuais de dados tais - ANEXO I Solução de Descoberta de Dados 8/17

9 como zoom e visão panorâmica sobre uma área específica de um gráfico de bolhas ou destacar uma linha ou barra; Possuir um processo para criar relatórios para dispositivos móveis que seja rápido e simples; Oferecer interfaces Web e Mobile (android e IOS) de forma intuitiva e que as mesmas apresentem conteúdo de forma completa, ou seja, a mesma quantidade de informações seja obtida na utilização de quaisquer ambientes, sem que haja necessidade de desenvolvimento ou custo adicional à contratante. ARMAZENAMENTO E GERENCIAMENTO DE DADOS Armazenamento de dados: os dados extraídos do ambiente legado, transacional ou não, deverão ficar hospedados em repositório único. Os dados após a execução da extração deverão estar compactados, criptografado e disponíveis para consulta de forma compartilhada, sem que seja realizado qualquer tipo de acesso às respectivas fontes de dados Volume de dados: a quantidade de dados a ser carregada deverá permitir análise dos dados, por parte do usuário final, no maior nível de detalhe da transação completa. Sem necessidade de agregação ou hierarquização de dimensões de forma prévia. Compactação: permitir, e evidenciar, uma compactação resultante da importação dos dados, que passe a representar um volume de dados (no maior nível de detalhe da transação completa e sem agregação), menor que o lido na origem dos sistemas legados. Para efeito deste cálculo, consideram-se somente os dados lidos, brutos, sem que para isto possa ser considerado qualquer tipo de índice ou outros recursos de otimização ou manutenção do dado na fonte VISUALIZAÇÃO DE DADOS E INTERATIVIDADE - ANEXO I Solução de Descoberta de Dados 9/17

10 Apresentar no mínimo 10 visualizações diferentes dos dados tais como gráficos de barra, de pizza, de linha, de mostradores analógicos (tipo velocímetro, semáforo, agulha, relógio), de dispersão (estilo quadrante com uma dimensão sendo avaliada por dois eixos), bloco, radar, funil, mekko, grade e combinado linhas, barras e permitir o uso de barra de tempo deslizante; Permitir a criação destes painéis de forma nativa, sem custo para a contratante. Possuir recurso para construir aplicações interativas de análise de dados e que possibilite a criação de funcionalidades como: painel de controle integrado, indicadores chave de negócio (KPI), previsões, simulações, criação de cenários virtuais, filtros hierarquia customizada de dados, join entre tabelas, adicionar colunas, adicionar linhas, deletar colunas, linhas, colunas calculadas e similares de linhas; Possibilitar a criação de consultas, relatórios e análises através de recurso do tipo "drag and drop" dos elementos que possam compor um relatório; Permitir a utilização de cores, tamanhos e formas diferentes para representar dimensões adicionais de análise, permitindo a representação multidimensional numa mesma análise (gráficos tridimensionais, com formas coloridas e de diferentes dimensões distribuídos em uma grade;etc.); Permitir ao usuário criar e utilizar hierarquias de drill-down com qualquer combinação de dimensões disponíveis, sem necessidade de intervenção de desenvolvedores, sem limitações quanto à quantidade de níveis e sem que sejam requeridas do usuário ações de carregamento ou construção de quaisquer estruturas intermediárias de dados em tabelas, gráficos e mapas; Permitir que os dados da conexão direta sejam atualizados em real time (ou a indicação de os dados foram atualizados) nos dashboards/visualizações refletindo sempre o estado atual dos dados do sistema fonte; Prover a facilidade de deslizar uma barra entre medidas para filtrar conjunto de dados que estão sendo mostrados; - ANEXO I Solução de Descoberta de Dados 10/17

11 77 78 Permitir aos usuários ocultar/exibir colunas, ordenar e filtrar linhas, automaticamente ou manualmente; Permitir aos usuários realizar agrupamentos por qualquer nível de categoria dos dados; 79 Possibilitar aos usuários criar hierarquias customizadas; 80 Suportar animação playback baseada no tempo; 81 Prover sumário baseado em cor dos estados de uma métrica particular comparada a um objetivo ou alvo sem programação; 82 Suportar tabelas e pivot tables; Permitir ao usuário ir de um nível mais detalhado a partir de uma visão resumo; Suportar ligação entre gráficos com entrada de dados (prompt) em cascata. Com facilidade de mostrar múltiplas perspectivas do mesmo conjunto de dados simultaneamente em objetos visuais ligados; Permitir que qualquer coluna pertencente à estrutura de dados carregada na solução possa ser utilizada como dimensão de análise; Prover suporte a fórmulas, filtros e consultas em armazenamento físico de dados, com a reutilização dos objetos e armazenamento em um mesmo container; Prover nativamente, no mínimo, as seguintes funções: média, mínimo, máximo, soma e agrupamento; 88 Suportar análises temporais incluindo ano, trimestre, mês, etc.; Possibilitar adicionar subtotais gerais, subtotais de um nível específico e totais gerais para visualização ou conjunto de dados; Suportar entrada de dados em cascata (multinível) que apresentem filtros de seleção com base em informações associadas. Ex: De um relatório anual, selecionar um mês especifico, mantendo esta seleção ao navegar para outro relatório; - ANEXO I Solução de Descoberta de Dados 11/17

12 91 Possuir filtros hierárquicos; Os relatórios deverão ser criados sem necessidade de uso de macros ou programação, e deverão apresentar capacidade de definição através de parâmetros, para disponibilizar relatórios agrupados através de qualquer campo do modelo de dados, quer por página, quer pelo relatório como um todo, em que os resultados demonstrados em todos os elementos do relatório, reflitam o agrupamento definido; Dispor de estatísticas descritivas básicas tais como média, desvio padrão,moda, mediana, variância, etc.; Possuir funcionalidade de Portal, onde seja possível a inclusão de várias formas de visualização assim como mapas digitais, velocímetros, gráficos e tabelas em uma mesma tela, sem que para isto seja necessária a utilização de hiperlinks ou sobreposição de imagens; Dispor de estatística avançadas que permitam a realização de análises de projeção sobre os dados; 96 Dispor de templates de tela; 97 Apresentar uma estrutura de desenvolvimento que permita a reutilização entre os componentes/dimensões; 98 Permitir que dados sejam lidos/importados a partir de um Web Service; Possuir modelagem de cenários e se nos dashboards e relatórios, permitindo aos analistas alterar alguns parâmetros para testar seu impacto; Compartilhar ambiente de desenvolvimento único de relatórios para desktops e dispositivos móveis, requerendo habilidades semelhantes; Permitir, a partir da interface gráfica, analisar a estrutura de dados com suas tabelas, campos e respectivos relacionamentos(modelo de dados); 102 Permitir a seleção de um filtro a partir de um conjunto finito de opções; 103 Permitir que o resultado de análises possa ser convertido, exportado e distribuído, por ou gravação em pasta específica do usuário, em - ANEXO I Solução de Descoberta de Dados 12/17

13 no mínimo os seguintes formatos: TXT, CSV, PDF, sem utilização de softwares proprietários Permitir ao usuário salvar filtros ou seleções para recuperação e uso futuros. Permitir ao usuário executar operação de exportação de resultado de análise para gráficos para um arquivo de imagem. A imagem deverá ser salva como, no mínimo os seguintes formatos: BMP, JPEG, GIF ou PNG; Atualizar automaticamente os painéis, relatórios e indicadores, sem necessidade de definição prévia de filtros, sempre que o usuário selecionar determinados valores de qualquer dimensão. Tal seleção deve ser propagada nas demais dimensões e métricas do modelo, bem como nos valores calculados, e em todos os painéis do documento, distinguindo os valores relacionados dos não relacionados à seleção de valores do usuário. Permitir que os usuários executem operações de slice and dice sobre os dados, mudando-os de eixo como em uma tabela dinâmica; Possuir integração entre os painéis de informações de um mesmo projeto, para que o valor selecionado em um deles interfira automaticamente nos outros que possuam informações relacionadas ao primeiro. Possibilitar a criação de gráficos em que sejam representadas diferentes métricas em escalas distintas por meio de eixos diferentes. Permitir que todos os atributos disponíveis nas fontes de dados de origem possam ser combinados como métricas ou dimensões, indiferentemente, para a construção de gráficos e tabelas pelo usuário, sem que sejam requeridas do usuário ações de carregamento ou construção de quaisquer estruturas intermediárias de dados. 111 Possuir funções diversas que auxiliem o desenvolvimento de métricas e índices complexos de forma que seja possível criar relacionamentos entre colunas de diferentes tabelas. Essas funções devem abranger, pelo menos, cálculos de agregação, manipulação de strings e datas, funções lógicas, manipulação de formatos, funções financeiras e estatísticas - ANEXO I Solução de Descoberta de Dados 13/17

14 fundamentais Permitir que os dados sejam combináveis e que variáveis virtuais e derivadas possam ser criadas baseadas nas informações importadas Permitir o agrupamento dos gráficos, tabelas e filtros segundo classificação em áreas de negócio, de modo a facilitar e organizar o acesso aos mesmos. Permitir que os valores selecionados tenham abrangência em todos os painéis do documento, alterando automaticamente os valores das demais dimensões e métricas, bem como os valores calculados, e apresentando automaticamente os elementos relacionados e não relacionados. Possibilitar que sejam usados expressões e cálculos na definição de filtros. Permitir o redimensionamento dos componentes do painel pelo usuário em tempo de execução para melhor visualização; 117 Permitir a criação ad-hoc de cálculos e fórmulas Permitir Navegação Offline - sem conexão à rede corporativa, sem conexão `as fontes de dados originais, sem conexão à componentes Server da ferramenta; Oferecer tópicos de discussão e comentários sobre o conteúdo compartilhado da descoberta de dados; Possuir componente combinado: tabela que pode incluir "mini gráficos" (p.e. line chart ou pie charts)ao invés de só números ou texto nas colunas; Ter inteligência para auxiliar o usuário na melhor escolha da visualização/ gráfico de acordo com os dados e dimensões selecionados para análise; 122 Disponibilizar recurso para que os desenvolvedores alternem entre o ambiente de desenvolvimento e o modo de visualização em ambiente web, permitindo assim visualizar o resultado quando acessado através de - ANEXO I Solução de Descoberta de Dados 14/17

15 um navegador; Prover de forma nativa, recurso de colaboração entre os usuários, para que possam registrar anotações e armazenar imagem da consulta, análise, para posterior acesso pelo próprio ou por outros usuários que possam visualizar e/ou acrescentar mais anotações, com o objetivo de ter de forma integrada recursos de análise e comentários e discussões sobre estas análises; Potencializar desempenho através da análise por várias dimensões e métricas possibilitando a desativação das que possam não ser relevantes para o contexto de análise; GERAÇÃO DE ALERTAS Permitir a construção de alertas automáticos pelos usuários ou desenvolvedores, que notifiquem os usuários, por meio do envio automático de s, a ocorrência de um fato avaliado a partir da definição de condições. A avaliação das regras associadas aos alertas deve ocorrer sempre que os dados forem carregados nos painéis de informações; Possibilitar que as correspondências, ou alertas visuais de destaque sobre os indicadores se enquadrem em regras de negócio preestabelecidas; METADADOS 127 Possuir repositório para metadados 128 Permitir a importação de metadados das bases origem de dados; 129 Permitir a criação de metadados sobre os dados importados; 130 Permitir alteração e compartilhamento de Metadados; - ANEXO I Solução de Descoberta de Dados 15/17

16 131 Manter repositório do metamodelo em servidor específico, distinto daquele que possui a solução (ferramenta) instalada; 132 Possuir componentes de mapa GEORREFERENCIAMENTO Permitir integração com mapas e analisar dados e indicadores sobre mapas; Permitir aproximações/distanciamentos nas visualizações do mapa por meio de camada de dados; 135 Suportar análise de drill em mapas; 136 Possibilitar que os usuários aprofundem na informação em mapas e mudar os detalhes de um mapa ou focar com ações como toque zoom in ou out; 137 Incluir geocodes pré-construídos para as Regiões do Brasil; 138 Suportar o uso de mapas disponibilizados através de um Web Map Service (WMS) conforme OGC, nativo ou através da API da Google e ESRI; 139 Ser acessível através de API e camadas Web Services; 140 Permitir interatividade da navegação bi-direcional entre o mapa e os demais gráficos de um dashboard/ visualização: seleção, highlighting, filtering; FUNCIONALIDADES 141 Permitir autossuficiência ao usuário não especializado em tecnologia da informação para criar suas próprias consultas, análises, seus próprios objetos, tais como relatórios, gráficos, pivot tables; - ANEXO I Solução de Descoberta de Dados 16/17

17 Permitir a criação de um painel com uso de gráfico, filtro e relatório, a partir de uma fonte de dados disponível na aplicação, em até 2 minutos. Disponibilizar recurso de acesso a aplicações em ambiente web, através de portal, como característica nativa da solução ofertada, em que se possa determinar visualização e acesso dos usuários somente às aplicações a que têm direito de acesso; Manter repositório do metamodelo em servidor específico, distinto daquele que possui a solução (ferramenta) instalada; - ANEXO I Solução de Descoberta de Dados 17/17

SISTEMA DE GERÊNCIA - DmView

SISTEMA DE GERÊNCIA - DmView Sistema de Gerenciamento DmView O DmView é o Sistema de Gerência desenvolvido para supervisionar e configurar os equipamentos DATACOM, disponibilizando funções para gerência de supervisão, falhas, configuração,

Leia mais

Relatório de Demonstração

Relatório de Demonstração Relatório de Demonstração Processo 15414.004273/2012-81 Data 12/11/2013 Software WebFocus Empresa Inovação - Tecnologia da Informação Geográfica Ltda Representada por: sr Nathanael Fidlay e sr Willian

Leia mais

Especificação Técnica

Especificação Técnica Especificação Técnica Última atualização em 31 de março de 2010 Plataformas Suportadas Agente: Windows XP e superiores. Customização de pacotes de instalação (endereços de rede e dados de autenticação).

Leia mais

Manual do Usuário Características e recursos básicos Enterprise Resource Planning

Manual do Usuário Características e recursos básicos Enterprise Resource Planning Manual do Usuário Características e recursos básicos Enterprise Resource Planning www.pwi.com.br 1 Volpe Enterprise Resource Planning Este manual não pode, em parte ou no seu todo, ser copiado, fotocopiado,

Leia mais

Plataforma de Business Intelligence

Plataforma de Business Intelligence Plataforma de Business Intelligence ASTEN TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO A Asten é uma empresa do ramo da tecnologia da informação (TI) que tem seu foco na busca por soluções inovadoras. Nosso slogan criando

Leia mais

Termo de Referência. Anexo II - Especificações Técnicas - Requisitos Funcionais. Diretoria Técnica-Operacional. Gerência de Tecnologia da Informação

Termo de Referência. Anexo II - Especificações Técnicas - Requisitos Funcionais. Diretoria Técnica-Operacional. Gerência de Tecnologia da Informação Diretoria Técnica-Operacional Gerência de Tecnologia da Informação Termo de Referência Anexo II Especificação Técnica 1 - INTRODUÇÃO Página 2 de 9 do TR-007-3700 de Este anexo tem por objetivo detalhar

Leia mais

XDR. Solução para Big Data.

XDR. Solução para Big Data. XDR Solução para Big Data. ObJetivo Principal O volume de informações com os quais as empresas de telecomunicações/internet têm que lidar é muito grande, e está em constante crescimento devido à franca

Leia mais

Anexo V - Planilha de Apuração Aquisição de Solução de Redes Sociais

Anexo V - Planilha de Apuração Aquisição de Solução de Redes Sociais Anexo V - Planilha de Apuração Aquisição de Solução de Redes Sociais Será utilizado o seguinte critério: Atende / Não atende (Atende em parte será considerado Não atende) Item Itens a serem avaliados conforme

Leia mais

LEI DE ACESSO A INFORMAÇÃO DIREITO DO CIDADÃO

LEI DE ACESSO A INFORMAÇÃO DIREITO DO CIDADÃO DESCRIÇÃO DO SIGAI O SIGAI (Sistema Integrado de Gestão do Acesso à Informação) é uma solução de software que foi desenvolvida para automatizar os processos administrativos e operacionais visando a atender

Leia mais

Descritivo Técnico. SLAView - Descritivo Técnico Build 5.0 release 4 16/02/2011 Página 1

Descritivo Técnico. SLAView - Descritivo Técnico Build 5.0 release 4 16/02/2011 Página 1 Descritivo Técnico 16/02/2011 Página 1 1. OBJETIVO O SLAview é um sistema de análise de desempenho de redes IP por meio da monitoração de parâmetros de SLA (Service Level Agreement, ou Acordo de Nível

Leia mais

Secullum Acesso.Net ESPECIFICAÇÕES TÉCNICAS. Secullum Acesso.Net. Ficha Técnica. Serviço de Comunicação. Módulo. Estacionamento.

Secullum Acesso.Net ESPECIFICAÇÕES TÉCNICAS. Secullum Acesso.Net. Ficha Técnica. Serviço de Comunicação. Módulo. Estacionamento. ESPECIFICAÇÕES TÉCNICAS Serviço de Comunicação Secullum Acesso.Net Estacionamento Gerencial Integração CFTV Pessoal Recepção Refeitório Automação Sistema Operacional: compatível com Windows XP ou superior

Leia mais

Índice INSTALAÇÃO DO SOFTWARE EM SISTEMAS WINDOWS...2 INSTALAÇÃO DO SOFTWARE EM SISTEMAS LINUX...3 TESTANDO A CONEXÃO DA REDE LOCAL...

Índice INSTALAÇÃO DO SOFTWARE EM SISTEMAS WINDOWS...2 INSTALAÇÃO DO SOFTWARE EM SISTEMAS LINUX...3 TESTANDO A CONEXÃO DA REDE LOCAL... Índice INSTALAÇÃO DO SOFTWARE EM SISTEMAS WINDOWS...2 INSTALAÇÃO DO SOFTWARE EM SISTEMAS LINUX...3 TESTANDO A CONEXÃO DA REDE LOCAL...4 Configurações iniciais...5 Arquivo sudoers no Sistema Operacional

Leia mais

INDICE 3.APLICAÇÕES QUE PODEM SER DESENVOLVIDAS COM O USO DO SAXES

INDICE 3.APLICAÇÕES QUE PODEM SER DESENVOLVIDAS COM O USO DO SAXES w w w. i d e a l o g i c. c o m. b r INDICE 1.APRESENTAÇÃO 2.ESPECIFICAÇÃO DOS RECURSOS DO SOFTWARE SAXES 2.1. Funcionalidades comuns a outras ferramentas similares 2.2. Funcionalidades próprias do software

Leia mais

Introdução ao. Linux do MEC

Introdução ao. Linux do MEC Introdução ao Linux do MEC Abril/2006 ÍNDICE Software Livre 3 Linux do MEC 4 Inicializando e finalizando o sistema 5 Área de trabalho 6 Operações com arquivos 7 Administração do ambiente 9 Navegador Internet

Leia mais

Ficha de Produto. Características gerais. Descrição do produto. Disponível em Licencia ou SaaS (software como um serviço).

Ficha de Produto. Características gerais. Descrição do produto. Disponível em Licencia ou SaaS (software como um serviço). Ficha de Producto Produto Descrição do produto ServiceTonic é um Software 100% web para gestão de serviços que sob as premissas de usabilidade e flexibilidade torna sua ampla funcionalidade em plataforma

Leia mais

PAINEL MANDIC CLOUD. Mandic. Somos Especialistas em Cloud. Manual do Usuário

PAINEL MANDIC CLOUD. Mandic. Somos Especialistas em Cloud. Manual do Usuário Mandic. Somos Especialistas em Cloud. PAINEL MANDIC CLOUD Manual do Usuário 1 BEM-VINDO AO SEU PAINEL DE CONTROLE ESTE MANUAL É DESTINADO AO USO DOS CLIENTES DA MANDIC CLOUD SOLUTIONS COM A CONTRATAÇÃO

Leia mais

ANEXO III - REQUISITOS TÉCNICOS (O presente documento não reflete, necessariamente, com exatidão o conteúdo do Edital a ser publicado posteriormente)

ANEXO III - REQUISITOS TÉCNICOS (O presente documento não reflete, necessariamente, com exatidão o conteúdo do Edital a ser publicado posteriormente) 1 ANEXO III - REQUISITOS TÉCNICOS (O presente documento não reflete, necessariamente, com exatidão o conteúdo do Edital a ser publicado posteriormente) A SOLUÇÃO deverá atender obrigatoriamente aos requisitos

Leia mais

Business Intelligence. BI CEOsoftware Partner YellowFin

Business Intelligence. BI CEOsoftware Partner YellowFin Business Intelligence BI CEOsoftware Partner YellowFin O que é Business Intelligence Business Intelligence (BI) é a utilização de uma série de ferramentas para coletar, analisar e extrair informações,

Leia mais

Planejamento e Orçamento

Planejamento e Orçamento Planejamento e Orçamento O SIPLAG Sistema Integrado de Planejamento, Orçamento e Gestão, é um sistema voltado à gestão governamental, permitindo a elaboração do Plano Plurianual, da Lei Orçamentária Anual,

Leia mais

www.cingo.com.br www.cingo.com.br

www.cingo.com.br www.cingo.com.br www.cingo.com.br Cingo Release 2.6 Release 2.6 Cingo Release 2.6 Com o objetivo de tornar a experiência de navegação e a dinâmica de gestão muito mais natural e objetiva, o Cingo CODES trás uma nova experiência

Leia mais

Projeto Escritório em Nuvem. Projeto Escritório em Nuvem

Projeto Escritório em Nuvem. Projeto Escritório em Nuvem Projeto Escritório em Nuvem GIE-ND/024/2014 Projeto Escritório em Nuvem Assunto: Especificação do Projeto Diretoria de Infraestrutura e Tecnologia Gerência de Estratégia e Segurança da Informação Setembro

Leia mais

ASI. Automatos Service Intelligence. management as a service

ASI. Automatos Service Intelligence. management as a service ASI Automatos Service Intelligence management as a service Sumário INTRODUÇÃO 3 O que é o ASI? 4 Como funciona o ASI? 4 Funcionalidades 4 Portfólio 6 IMPLANTAÇÃO 7 Cloud Automatos 8 Interno no cliente

Leia mais

ESPECIFICAÇÕES TÉCNICAS

ESPECIFICAÇÕES TÉCNICAS ESPECIFICAÇÕES TÉCNICAS Sistema Operacional: Compatível com Windows XP ou superior; Banco de Dados: Padrão do sistema em SQL Server, podendo, no entanto, ser utilizado com a maioria dos bancos de dados

Leia mais

Shavlik Protect. Guia de Atualização

Shavlik Protect. Guia de Atualização Shavlik Protect Guia de Atualização Copyright e Marcas comerciais Copyright Copyright 2009 2014 LANDESK Software, Inc. Todos os direitos reservados. Este produto está protegido por copyright e leis de

Leia mais

Índice. Especificações Técnicas Abril/2015

Índice. Especificações Técnicas Abril/2015 Índice 1. Sumário...4 2. Arquitetura de Banco de Dados...5 2.1. Database...5 2.2. Processamento...5 2.3. Visualização...5 3. Arquitetura Lógica...6 3.1. DataSource...6 3.2. RecordSet...6 3.3. View...7

Leia mais

SISTEMA DE CAPTURA, ARMAZENAMENTO E ANÁLISE DE VOZ

SISTEMA DE CAPTURA, ARMAZENAMENTO E ANÁLISE DE VOZ SISTEMA DE CAPTURA, ARMAZENAMENTO E ANÁLISE DE VOZ 1. ESPECIFICAÇÃO DO OBJETO Entende-se por SISTEMA DE CAPTURA, ARMAZENAMENTO E ANÁLISE DE VOZ o conjunto de componentes físicos e lógicos (hardware e software)

Leia mais

Interatividade aliada a Análise de Negócios

Interatividade aliada a Análise de Negócios Interatividade aliada a Análise de Negócios Na era digital, a quase totalidade das organizações necessita da análise de seus negócios de forma ágil e segura - relatórios interativos, análise de gráficos,

Leia mais

ANEXO 9 DO PROJETO BÁSICO DA FERRAMENTA DE MONITORAMENTO, SEGURANÇA E AUDITORIA DE BANCO DE DADOS

ANEXO 9 DO PROJETO BÁSICO DA FERRAMENTA DE MONITORAMENTO, SEGURANÇA E AUDITORIA DE BANCO DE DADOS ANEXO 9 DO PROJETO BÁSICO DA FERRAMENTA DE MONITORAMENTO, SEGURANÇA E AUDITORIA DE BANCO DE DADOS Sumário 1. Finalidade... 2 2. Justificativa para contratação... 2 3. Premissas para fornecimento e operação

Leia mais

Qlik Sense Desktop. Qlik Sense 2.0.2 Copyright 1993-2015 QlikTech International AB. Todos os direitos reservados.

Qlik Sense Desktop. Qlik Sense 2.0.2 Copyright 1993-2015 QlikTech International AB. Todos os direitos reservados. Qlik Sense Desktop Qlik Sense 2.0.2 Copyright 1993-2015 QlikTech International AB. Todos os direitos reservados. Copyright 1993-2015 QlikTech International AB. Todos os direitos reservados. Qlik, QlikTech,

Leia mais

Copyright 2015 Mandic Cloud Solutions - Somos Especialistas em Cloud. www.mandic.com.br

Copyright 2015 Mandic Cloud Solutions - Somos Especialistas em Cloud. www.mandic.com.br Sumário 1. Boas vindas... 4 2. Dashboard... 4 3. Cloud... 5 3.1 Servidores... 5 o Contratar Novo Servidor... 5 o Detalhes do Servidor... 9 3.2 Cloud Backup... 13 o Alteração de quota... 13 o Senha do agente...

Leia mais

O que há de novo desde o Qlik Sense 1.0? Qlik Sense 2.0.4 Copyright 1993-2015 QlikTech International AB. Todos os direitos reservados.

O que há de novo desde o Qlik Sense 1.0? Qlik Sense 2.0.4 Copyright 1993-2015 QlikTech International AB. Todos os direitos reservados. O que há de novo desde o Qlik Sense 1.0? Qlik Sense 2.0.4 Copyright 1993-2015 QlikTech International AB. Todos os direitos reservados. Copyright 1993-2015 QlikTech International AB. Todos os direitos reservados.

Leia mais

Volpe Enterprise Resource Planning

Volpe Enterprise Resource Planning Volpe Enterprise Resource Planning Este manual não pode, em parte ou no seu todo, ser copiado, fotocopiado, reproduzido, traduzido ou reduzido a qualquer mídia eletrônica ou máquina de leitura, sem a expressa

Leia mais

Conteúdos dos Cursos de Excel

Conteúdos dos Cursos de Excel Conteúdos dos Cursos de Excel Excel 2007 - Nível 1 (Essencial) Carga Horária: 20 horas Objetivos: Este curso destina-se a todos os profissionais que atuam nas áreas financeiras e administrativas, e que

Leia mais

SISTEMAS OPERACIONAIS

SISTEMAS OPERACIONAIS SISTEMAS OPERACIONAIS Conceitos Básicos Sistema Operacional: Um Sistema Operacional é um programa que atua como intermediário entre o usuário e o hardware de um computador. O Propósito do SO é fornecer

Leia mais

Online Help StruxureWare Data Center Expert

Online Help StruxureWare Data Center Expert Online Help StruxureWare Data Center Expert Version 7.2.7 Novidades no StruxureWare Data Center Expert 7.2.x Saiba mais sobre os novos recursos disponíveis na versão StruxureWare Data Center Expert 7.2.x.

Leia mais

Versão: 03/08/15. Aker Security Solutions

Versão: 03/08/15. Aker Security Solutions Versão: 03/08/15 1 Índice... 2 Índice de Figuras... 5 1 Aker Report Center...12 Como está disposto este manual.... 12 Apresentação do Produto... 12 2 Instalação...15 Instalação... 15 Expandindo espaço

Leia mais

Apresentação 3. Sobre a Módulo Risk Manager Academy 3. Portfólio 4

Apresentação 3. Sobre a Módulo Risk Manager Academy 3. Portfólio 4 2 Apresentação 3 Sobre a Módulo Risk Manager Academy 3 Portfólio 4 RM-01 Conheça o Módulo Risk Manager 4 RM-02 Meu Espaço e Navegação Básica 6 RM-03 Modelando a Organização 8 RM-05 Conhecimentos para Gestão

Leia mais

Autor: Júlio Battisti www.juliobattisti.com.br

Autor: Júlio Battisti www.juliobattisti.com.br Autor: Júlio Battisti www.juliobattisti.com.br Livro: Aprenda com Júlio Battisti: Excel 2010 Avançado, Análise de Dados e Cenários, Tabelas e Gráficos Dinâmicos, Macros e Programação VBA - Através de Exemplos

Leia mais

Manual do Usuário Android Neocontrol

Manual do Usuário Android Neocontrol Manual do Usuário Android Neocontrol Sumário 1.Licença e Direitos Autorais...3 2.Sobre o produto...4 3. Instalando, Atualizando e executando o Android Neocontrol em seu aparelho...5 3.1. Instalando o aplicativo...5

Leia mais

O que é o Virto ERP? Onde sua empresa quer chegar? Apresentação. Modelo de funcionamento

O que é o Virto ERP? Onde sua empresa quer chegar? Apresentação. Modelo de funcionamento HOME O QUE É TOUR MÓDULOS POR QUE SOMOS DIFERENTES METODOLOGIA CLIENTES DÚVIDAS PREÇOS FALE CONOSCO Suporte Sou Cliente Onde sua empresa quer chegar? Sistemas de gestão precisam ajudar sua empresa a atingir

Leia mais

Descobrindo e analisando. Qlik Sense 1.0.3 Copyright 1993-2015 QlikTech International AB. Todos os direitos reservados.

Descobrindo e analisando. Qlik Sense 1.0.3 Copyright 1993-2015 QlikTech International AB. Todos os direitos reservados. Descobrindo e analisando Qlik Sense 1.0.3 Copyright 1993-2015 QlikTech International AB. Todos os direitos reservados. Copyright 1993-2015 QlikTech International AB. Todos os direitos reservados. Qlik,

Leia mais

DIGIMAN. WTB Tecnologia 2009. www.wtb.com.br

DIGIMAN. WTB Tecnologia 2009. www.wtb.com.br DIGIMAN MANDADO JUDICIAL ELETRÔNICO Arquitetura WTB Tecnologia 2009 www.wtb.com.br Arquitetura de Software O sistema DIGIMAN é implementado em três camadas (apresentação, regras de negócio e armazém de

Leia mais

A Nova Interface do Data Discovery no MicroStrategy 10. Anderson Santos, Sales Engineer Brazil 11/08/2015

A Nova Interface do Data Discovery no MicroStrategy 10. Anderson Santos, Sales Engineer Brazil 11/08/2015 A Nova Interface do Data Discovery no MicroStrategy 10 Anderson Santos, Sales Engineer Brazil 11/08/2015 Empresas participantes do MicroStrategy 10 Beta Test Pela primeira vez na história, MicroStrategy

Leia mais

WecDB - 1 - WecDB Consulta Web Facilitada ao Banco de Dados

WecDB - 1 - WecDB Consulta Web Facilitada ao Banco de Dados WecDB - 1 - WecDB Consulta Web Facilitada ao Banco de Dados WecDB (Web Easy Consultation Database) é uma ferramenta para criação e disponibilização de consultas à Bancos de Dados na Internet. É composto

Leia mais

Marcelo.augusto@Microsoft.com

Marcelo.augusto@Microsoft.com Marcelo.augusto@Microsoft.com Aplicativos Relatórios Painéis Consultas em linguagem natural Dispositivo móvel A plataforma de Dados da Microsoft Orquestração Gerenciamento de informações Processamento

Leia mais

ALÉM DO BUG TRACKING : GERENCIANDO O SETOR DE SUPORTE COM O MANTISBT

ALÉM DO BUG TRACKING : GERENCIANDO O SETOR DE SUPORTE COM O MANTISBT ALÉM DO BUG TRACKING : GERENCIANDO O SETOR DE SUPORTE COM O MANTISBT Juliano Flores Prof. Lucas Plautz Prestes Centro Universitário Leonardo da Vinci - UNIASSELVI Gestão de Tecnologia da Informação (GTI034)

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DE LAGOA SANTA COMISSÃO PERMANENTE DE LICITAÇÃO CEP 33400-000 - ESTADO DE MINAS GERAIS

PREFEITURA MUNICIPAL DE LAGOA SANTA COMISSÃO PERMANENTE DE LICITAÇÃO CEP 33400-000 - ESTADO DE MINAS GERAIS ERRATA E REABERTURA PROCESSO LICITATÓRIO N 097/2011 MODALIDADE: PREGÃO PRESENCIAL RP N 061/2011 OBJETO: AQUISIÇÃO DE SISTEMA DE ARMAZENAMENTO DE DADOS CENTRALIZADOS (STORAGE) E DE SISTEMA DE CÓPIA DE SEGURANÇA

Leia mais

CSI IT Solutions. WebReport2.5. Relatórios abertos. Acesso controlado Extensibilidade de módulos IMPACTO AMBIENTAL

CSI IT Solutions. WebReport2.5. Relatórios abertos. Acesso controlado Extensibilidade de módulos IMPACTO AMBIENTAL CSI IT Solutions 2.5 solução CSI PrintManager G e s t ã o d e A m b i e n t e d e I m p r e s s ã o O CSI dá aos gestores de TI o poder de uma gestão integral através do acesso fácil às informações gerenciais

Leia mais

ANEXO I ESPECIFICAÇÃO TÉCNICA 1. HARDWARE DO APPLIANCE

ANEXO I ESPECIFICAÇÃO TÉCNICA 1. HARDWARE DO APPLIANCE Aquisição de Solução de Criptografia para Backbone da Rede da Dataprev ANEXO I ESPECIFICAÇÃO TÉCNICA 1. HARDWARE DO APPLIANCE 1.1 Cada appliance deverá ser instalado em rack de 19 (dezenove) polegadas

Leia mais

Guia do Usuário do Gateway do Avigilon Control Center. Versão 5.4.2

Guia do Usuário do Gateway do Avigilon Control Center. Versão 5.4.2 Guia do Usuário do Gateway do Avigilon Control Center Versão 5.4.2 2006-2014 Avigilon Corporation. Todos os direitos reservados. A menos que seja expressamente concedido por escrito, nenhuma licença é

Leia mais

Online Help StruxureWare Data Center Expert

Online Help StruxureWare Data Center Expert Online Help StruxureWare Data Center Expert Version 7.2.1 Novidades no StruxureWare Data Center Expert 7.2.x Saiba mais sobre os novos recursos disponíveis na versão StruxureWare Data Center Expert 7.2.x.

Leia mais

COTAÇÃO ELETRÔNICA: 133/2012 COMPRASNET

COTAÇÃO ELETRÔNICA: 133/2012 COMPRASNET COTAÇÃO ELETRÔNICA: 133/2012 COMPRASNET AQUISIÇÃO DE SOLUÇÃO DE ANTIVÍRUS MCAFEE PARA PLATAFORMA DE SERVIDORES VIRTUALIZADOS VMWARE DA REDE CORPORATIVA PRODAM Diretoria de Infraestrutura e Tecnologia-

Leia mais

Ponto Secullum 4 ESPECIFICAÇÕES TÉCNICAS FUNCIONALIDADES FICHA TÉCNICA. Ficha Técnica

Ponto Secullum 4 ESPECIFICAÇÕES TÉCNICAS FUNCIONALIDADES FICHA TÉCNICA. Ficha Técnica ESPECIFICAÇÕES TÉCNICAS Ponto Secullum 4 Sistema Operacional: compatível com Windows 98 ou superior Banco de Dados: Access, SQL Server ou Oracle; Computador Requerido: Processador com 500Mhz, Memória Ram

Leia mais

MANUAL DE INSTRUÇÕES

MANUAL DE INSTRUÇÕES MANUAL DE INSTRUÇÕES 1 Conteúdo 1. LogWeb... 3 2. Instalação... 4 3. Início... 6 3.1 Painel Geral... 6 3.2 Salvar e Restaurar... 7 3.3 Manuais... 8 3.4 Sobre... 8 4. Monitoração... 9 4.1 Painel Sinóptico...

Leia mais

IP Office Customer Call Reporter. 04 Novembro 2011

IP Office Customer Call Reporter. 04 Novembro 2011 IP Office Customer Call Reporter 04 Novembro 2011 Agenda Custos de um Serviço ao Cliente deficiente Benefícios do Customer Call Reporter (CCR) Customer Call Reporter Visão Geral do Produto Dashboard do

Leia mais

PANORAMA. O Panorama fornece gerenciamento centralizado de políticas e dispositivos em uma rede de firewalls de próxima geração da Palo Alto Networks.

PANORAMA. O Panorama fornece gerenciamento centralizado de políticas e dispositivos em uma rede de firewalls de próxima geração da Palo Alto Networks. PANORAMA O Panorama fornece gerenciamento centralizado de políticas e dispositivos em uma rede de firewalls de próxima geração da Palo Alto Networks. Exiba um resumo gráfico dos aplicativos na rede, os

Leia mais

SENAI São Lourenço do Oeste. Introdução à Informática. Adinan Southier Soares

SENAI São Lourenço do Oeste. Introdução à Informática. Adinan Southier Soares SENAI São Lourenço do Oeste Introdução à Informática Adinan Southier Soares Informações Gerais Objetivos: Introduzir os conceitos básicos da Informática e instruir os alunos com ferramentas computacionais

Leia mais

Manual do Portal do Usuário 4.8

Manual do Portal do Usuário 4.8 Manual do Portal do Usuário 4.8 Este Manual MobiDM descreve as operações básicas do portal ao nível de acesso do usuário Versão: x.x Manual do Usuário MOBIDM Página 1 Índice Introdução 2 Arquivos de ajuda

Leia mais

Manual do Usuário. Sistema Financeiro e Caixa

Manual do Usuário. Sistema Financeiro e Caixa Manual do Usuário Sistema Financeiro e Caixa - Lançamento de receitas, despesas, gastos, depósitos. - Contas a pagar e receber. - Emissão de cheque e Autorização de pagamentos/recibos. - Controla um ou

Leia mais

Companhia de Tecnologia da Informação do Estado de Minas Gerais - Prodemge. Manual do Usuário. Versão 1.1. ExpressoMG

Companhia de Tecnologia da Informação do Estado de Minas Gerais - Prodemge. Manual do Usuário. Versão 1.1. ExpressoMG Companhia de Tecnologia da Informação do Estado de Minas Gerais - Prodemge Manual do Usuário Versão 1.1 ExpressoMG 14/10/2015 Sumário 1. Apresentação... 4 1.1 Objetivos do Manual... 4 1.2 Público Alvo...

Leia mais

Andarta - Guia de Instalação. Guia de Instalação

Andarta - Guia de Instalação. Guia de Instalação Guia de Instalação 29 de setembro de 2010 1 Sumário Introdução... 3 Os Módulos do Andarta... 4 Instalação por módulo... 6 Módulo Andarta Server... 6 Módulo Reporter... 8 Módulo Agent... 9 Instalação individual...

Leia mais

Guia de Usuário do Gateway do Avigilon Control Center. Versão 5.6

Guia de Usuário do Gateway do Avigilon Control Center. Versão 5.6 Guia de Usuário do Gateway do Avigilon Control Center Versão 5.6 2006-2015 Avigilon Corporation. Todos os direitos reservados. A menos que seja expressamente concedida por escrito, nenhuma licença será

Leia mais

MANUAL DO USUÁRIO SUMÁRIO

MANUAL DO USUÁRIO SUMÁRIO SUMÁRIO 1. Home -------------------------------------------------------------------------------------------------------- 7 2. Cadastros -------------------------------------------------------------------------------------------------

Leia mais

Aplicativo web para definição do modelo lógico no projeto de banco de dados relacional

Aplicativo web para definição do modelo lógico no projeto de banco de dados relacional Aplicativo web para definição do modelo lógico no projeto de banco de dados relacional Juarez Bachmann Orientador: Alexander Roberto Valdameri Roteiro Introdução Objetivos Fundamentação teórica Desenvolvimento

Leia mais

MS-Excel 2010 Essencial (I)

MS-Excel 2010 Essencial (I) MS-Excel 2010 Essencial (I) Carga Horária: 20 horas Objetivos: Este curso destina-se a todos os profissionais que atuam nas áreas financeiras e administrativas, e que necessitem agilizar os seus cálculos,

Leia mais

Uma poderosa ferramenta de monitoramento. Madson Santos - madson@pop-pi.rnp.br Técnico de Operação e Manutenção do PoP-PI/RNP

Uma poderosa ferramenta de monitoramento. Madson Santos - madson@pop-pi.rnp.br Técnico de Operação e Manutenção do PoP-PI/RNP Uma poderosa ferramenta de monitoramento Madson Santos - madson@pop-pi.rnp.br Técnico de Operação e Manutenção do PoP-PI/RNP Abril de 2008 O que é? Características Requisitos Componentes Visual O que é?

Leia mais

Aplicativo da Manifestação do Destinatário. Manual

Aplicativo da Manifestação do Destinatário. Manual Aplicativo da Manifestação do Destinatário Manual Novembro de 2012 1 Sumário 1 Aplicativo de Manifestação do Destinatário...4 2 Iniciando o aplicativo...4 3 Menus...5 3.1 Manifestação Destinatário...5

Leia mais

Guia de administração. BlackBerry Professional Software para Microsoft Exchange. Versão: 4.1 Service pack: 4B

Guia de administração. BlackBerry Professional Software para Microsoft Exchange. Versão: 4.1 Service pack: 4B BlackBerry Professional Software para Microsoft Exchange Versão: 4.1 Service pack: 4B SWD-313211-0911044452-012 Conteúdo 1 Gerenciando contas de usuários... 7 Adicionar uma conta de usuário... 7 Adicionar

Leia mais

Nenhum dado deixado para trás: +20 novas fontes de dados com a nova preparação de dados no MicroStrategy 10

Nenhum dado deixado para trás: +20 novas fontes de dados com a nova preparação de dados no MicroStrategy 10 Nenhum dado deixado para trás: +20 novas fontes de dados com a nova preparação de dados no MicroStrategy 10 Apresentador: Marcos José msantos@microstrategy.com MicroStrategy Analytics Agenda Workflow do

Leia mais

Faça um Site PHP 5.2 com MySQL 5.0 Comércio Eletrônico

Faça um Site PHP 5.2 com MySQL 5.0 Comércio Eletrônico Editora Carlos A. J. Oliviero Faça um Site PHP 5.2 com MySQL 5.0 Comércio Eletrônico Orientado por Projeto 1a Edição 2 Reimpressão São Paulo 2011 Érica Ltda. Noções Livrarse Preparação muitas muita Sumário

Leia mais

Ambiente Virtual de Aprendizagem C.S.G. M anual do Professor

Ambiente Virtual de Aprendizagem C.S.G. M anual do Professor Ambiente Virtual de Aprendizagem C.S.G. M anual do Professor Sumário Pré-requisitos para o Moodle... Entrar no Ambiente... Usuário ou senha esquecidos?... Meus cursos... Calendário... Atividades recentes...

Leia mais

Conecta S_Line. 2.2 Downloads Para instalar o Conecta S_Line, basta acessar www.sline.com.br/downloads.aspx

Conecta S_Line. 2.2 Downloads Para instalar o Conecta S_Line, basta acessar www.sline.com.br/downloads.aspx 1 Introdução O Conecta S_Line permite que o laboratório envie à Central S_Line os resultados de exames gerados pelo Sistema de Informação Laboratorial (LIS) em forma de arquivos digitais. Todo o processo

Leia mais

Especificação Técnica TOTVS Avaliação e Pesquisa

Especificação Técnica TOTVS Avaliação e Pesquisa Outubro/2014 Título do documento Sumário Apresentação... 3 1. Caracterísitcas... 4 1.1 Interface Padrão Window... 4 1.2 Ajuda On-line Sensível à Opção... 4 2. Natureza funcional do TOTVS Educacional...

Leia mais

TNT Radar Manual do Usuário Versão 2.1 Fevereiro 2015.

TNT Radar Manual do Usuário Versão 2.1 Fevereiro 2015. TNT Radar Manual do Usuário Versão 2.1 Fevereiro 2015. Sumário 1 - Objetivo deste manual.... 3 2 - Bem vindo ao TNT Radar.... 4 3 - Perguntas e respostas sobre a ferramenta TNT Radar.... 5 4 - Acesso a

Leia mais

Digifort Enterprise A mais completa solução Digifort para monitoramento de câmeras e alarmes.

Digifort Enterprise A mais completa solução Digifort para monitoramento de câmeras e alarmes. Digifort Enterprise A mais completa solução Digifort para monitoramento de câmeras e alarmes. A versão Enterprise é o pacote que compreende todos os recursos disponíveis para o Sistema Digifort, oferecendo

Leia mais

qlikview.com OS CINCO TEMAS DO

qlikview.com OS CINCO TEMAS DO Novidades no QlikView 11 O QlikView 11 coloca o Business Discovery em um nível inteiramente novo, permitindo que os usuários compartilhem mais facilmente informações com seus colegas de trabalho, suportando

Leia mais

Processo de Envio de email

Processo de Envio de email Processo de Envio de email Introdução O envio de documentos de forma eletrônica vem sendo muito utilizado, assim o envio de arquivos, relatórios, avisos, informações é realizado via e-mail. O sistema disponibiliza

Leia mais

Tutorial Plone 4. Manutenção de Sites. Universidade Federal de São Carlos Departamento de Sistemas Web Todos os direitos reservados

Tutorial Plone 4. Manutenção de Sites. Universidade Federal de São Carlos Departamento de Sistemas Web Todos os direitos reservados Tutorial Plone 4 Manutenção de Sites Universidade Federal de São Carlos Departamento de Sistemas Web Todos os direitos reservados Sumário Introdução 1 Como fazer a autenticação do usuário 1.1 Através do

Leia mais

ProRAE Guardian V1.5 Guia de referência rápida

ProRAE Guardian V1.5 Guia de referência rápida ProRAE Guardian V1.5 Guia de referência rápida Para obter uma descrição completa das funções do programa, consulte o guia do usuário do ProRAE Guardian (incluso no CD de software). SUMÁRIO 1. Principais

Leia mais

Version Notes (Notas da versão) Versão 4.11.1.7-26-02-2013

Version Notes (Notas da versão) Versão 4.11.1.7-26-02-2013 Florianópolis, 26 de fevereiro de 2013. Abaixo você confere as características e funcionalidades da nova versão 4.11.1.7 do Channel. Para quaisquer dúvidas ou na necessidade de maiores esclarecimentos,

Leia mais

Portabilidade da Linha RM Versão 11.52

Portabilidade da Linha RM Versão 11.52 Portabilidade da Linha RM Versão 11.52 25/02/2014 Sumário 1. Portabilidade para Servidor de Banco de Dados... 3 2. Níveis de Compatibilidade entre Bancos de Dados... 4 3. Portabilidade para Servidor de

Leia mais

MozyPro Guia do administrador Publicado: 2013-07-02

MozyPro Guia do administrador Publicado: 2013-07-02 MozyPro Guia do administrador Publicado: 2013-07-02 Sumário Prefácio: Prefácio...vii Capítulo 1: Apresentação do MozyPro...9 Capítulo 2: Noções básicas sobre os Conceitos do MozyPro...11 Noções básicas

Leia mais

INTEGRE Diversas fontes de informações em uma interface intuitiva que exibe exatamente o que você precisa

INTEGRE Diversas fontes de informações em uma interface intuitiva que exibe exatamente o que você precisa INTEGRE Diversas fontes de informações em uma interface intuitiva que exibe exatamente o que você precisa ACESSE Informações corporativas a partir de qualquer ponto de Internet baseado na configuração

Leia mais

Manual do Usuário - Câmera IP. Página 1

Manual do Usuário - Câmera IP. Página 1 Página 1 Índice Capítulo 1 Instrução Software 2 Capítulo 2 Instalação de instruções 3 Capítulo 3 Introdução das funções básicas 5 Capítulo 4 Monitoramento 7 Capítulo 5 Sistema 8 Capítulo 6 Conta 21 Capítulo

Leia mais

CA Nimsoft Monitor Snap

CA Nimsoft Monitor Snap CA Nimsoft Monitor Snap Guia de Configuração do Monitoramento do Jboss do Nimsoft jboss série 1.3 Aviso de copyright do CA Nimsoft Monitor Snap Este sistema de ajuda online (o Sistema ) destina-se somente

Leia mais

FAQ PERGUNTAS FREQUENTES

FAQ PERGUNTAS FREQUENTES FAQ PERGUNTAS FREQUENTES 1 SUMÁRIO SUMÁRIO...2 1.Quais são as características do Programa?...4 2.Quais são os pré-requisitos para instalação do Sigep Web?...4 3.Como obter o aplicativo para instalação?...4

Leia mais

Explore o IceWarp Versão 11.2 com HTML5 WebAdmin. www.icewarp.com

Explore o IceWarp Versão 11.2 com HTML5 WebAdmin. www.icewarp.com Explore o IceWarp Versão 11.2 com HTML5 WebAdmin A rotina da administração cotidiana pode ser divertida e simples com a nova e responsiva interface WebAdmin. Gerencie domínios, usuários, grupos e listas

Leia mais

Manual de Usuário do UnB Webmail Destinado aos usuários de e-mail da Universidade de Brasília MODO DINÂMICO

Manual de Usuário do UnB Webmail Destinado aos usuários de e-mail da Universidade de Brasília MODO DINÂMICO Destinado aos usuários de e-mail da Universidade de Brasília MODO DINÂMICO Elaboração: Equipe de Suporte Avançado do CPD SA/SRS/CPD/UnB suporte@unb.br Universidade de Brasília Brasília / 2014 Resumo A

Leia mais

CONFORTO COM SEGURANÇA CONFORTO COM SEGURANÇA. 0 P27070 - Rev

CONFORTO COM SEGURANÇA CONFORTO COM SEGURANÇA. 0 P27070 - Rev P27070 - Rev. 0 1. RESTRIÇÕES DE FUNCIONAMENTO RECEPTOR IP ÍNDICE 1. Restrições de Funcionamento... 03 2. Receptor IP... 03 3. Inicialização do Software... 03 4. Aba Eventos... 04 4.1. Botão Contas...

Leia mais

Implantação de Auditoria para o Ambiente Microsoft nos Serviços de AD, File Server e Exchange Server do FNDE

Implantação de Auditoria para o Ambiente Microsoft nos Serviços de AD, File Server e Exchange Server do FNDE Implantação de Auditoria para o Ambiente Microsoft nos Serviços de AD, File Server e Exchange Server do FNDE Planejamento da Contratação Especificações Técnicas Versão 3.0 Página 1 de 18 Planejamento Termo

Leia mais

Exemplo de Plano para Desenvolvimento de Software

Exemplo de Plano para Desenvolvimento de Software Universidade Salgado de Oliveira Especialização em Tecnologia da Informação Qualidade em Engenharia de Software Exemplo de Plano para Desenvolvimento de Software Prof. Msc. Edigar Antônio Diniz Júnior

Leia mais

Instalador/Atualizador PIMS Multicultura Manual de Referência. Versão 12.1.4

Instalador/Atualizador PIMS Multicultura Manual de Referência. Versão 12.1.4 Instalador/Atualizador PIMS Multicultura Manual de Referência Versão 12.1.4 Sumário 1. Descrição... 3 2. Pré-requisitos... 4 3. Etapas da instalação/atualização... 8 1. Iniciando a aplicação de instalação/atualização...

Leia mais

ÍNDICE. Sobre o SabeTelemarketing 03. Contato. Ícones comuns à várias telas de gerenciamento. Verificar registros 09. Tela de relatórios 09

ÍNDICE. Sobre o SabeTelemarketing 03. Contato. Ícones comuns à várias telas de gerenciamento. Verificar registros 09. Tela de relatórios 09 ÍNDICE Sobre o SabeTelemarketing 03 Ícones comuns à várias telas de gerenciamento Contato Verificar registros 09 Telas de cadastro e consultas 03 Menu Atalho Nova pessoa Incluir um novo cliente 06 Novo

Leia mais

www.smartptt.com.br e-mail: info@smartptt.com.br O SOFTWARE MOTORBO Suporte: e-mail: suporte@smartptt.com.br Suporte: Fone: +55 11 2914-3040

www.smartptt.com.br e-mail: info@smartptt.com.br O SOFTWARE MOTORBO Suporte: e-mail: suporte@smartptt.com.br Suporte: Fone: +55 11 2914-3040 O SOFTWARE MOTORBO Um sistema de controle de comunicações moderno não é composto apenas de hardware. Atualmente, software tem papel primordial. Com ele, é possível extrair todo o potencial disponibilizado

Leia mais

O Geoportal do projeto DESOURB. Vila Real, 18 de setembro de 2012

O Geoportal do projeto DESOURB. Vila Real, 18 de setembro de 2012 O Geoportal do projeto DESOURB Vila Real, 18 de setembro de 2012 2 Ordem do dia: 1.- O Geoportal. 2.- Breve explicação da estrutura do Geoportal. Fases de trabalho. 3.- Gestão de indicadores. Tipologia

Leia mais

Manual de Transferência de Arquivos

Manual de Transferência de Arquivos O Manual de Transferência de Arquivos apresenta a ferramenta WebEDI que será utilizada entre FGC/IMS e as Instituições Financeiras para troca de arquivos. Manual de Transferência de Arquivos WebEDI Versão

Leia mais

Bem-vindo à apresentação do SAP Business One.

Bem-vindo à apresentação do SAP Business One. Bem-vindo à apresentação do SAP Business One. Neste tópico, responderemos à pergunta: O que é o Business One? Definiremos o SAP Business One e discutiremos as opções e as plataformas disponíveis para executar

Leia mais

Ficha Técnica Xenos Developer Studio

Ficha Técnica Xenos Developer Studio Xenos Developer Studio Ficha Técnica Xenos Developer Studio Xenos Developer Studio Soluções de Enterprise Output Management que reduz custos associados à impressão tradicional, ao mesmo tempo em que facilita

Leia mais