# 155 ano XXXVIII julho/agosto INOVAÇÃO E TECNOLOGIA O encontro transformador da criatividade com o espírito de servir.

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "# 155 ano XXXVIII julho/agosto 2011. INOVAÇÃO E TECNOLOGIA O encontro transformador da criatividade com o espírito de servir."

Transcrição

1 # 155 ano XXXVIII julho/agosto 2011 INOVAÇÃO E TECNOLOGIA O encontro transformador da criatividade com o espírito de servir I

2 II

3 1

4 Leia Odebrecht Informa no seu ipad e no seu smartphone. Reportagens, artigos, vídeos, fotos, animações e infográficos. As realizações da Organização Odebrecht em seu tablet e em seu smartphone. Edição online Acervo online Novidades Videorreportagem Blog > Você pode acessar o conteúdo completo desta edição em HTML ou em PDF > Plataforma P-59 é protagonista de um feito inédito na indústria mundial de petróleo > Antonio Cardilli inaugura o Projeto Saberes Gente que Aprendeu no Trabalho e na Vida > No Quintas Private Residences, compartilhar um sonho é o caminho para realizá-lo > Acesse as edições anteriores de Odebrecht Informa desde a nº 1 e faça o download do PDF completo da revista > Relatórios Anuais da Odebrecht desde 2002 > Publicações especiais (Edição Especial sobre Ações Sociais, 60 anos da Organização Odebrecht, 40 anos da Fundação Odebrecht e 10 anos da Odeprev Guardiã da sustentabilidade Cetrel garante proteção ambiental na área de influência do Polo de Camaçari > Em Angola, o teatro é um dos instrumentos para r e conscientizar sobre Saúde, Segurança no Trabalho e Meio Ambiente > Conheça o inovador Centro de Serviços Compartilhados da Odebrecht > Projeto Águas Limpas leva o Espírito Santo a um novo patamar em saneamento > Salgueiro: no sertão de Pernambuco, o relacionamento entre uma comunidade e uma grande obra > As características que fazem da torre empresarial itower um projeto único > Siga Odebrecht Informa pelo twitter e saiba das novidades > Comente os textos do blog e participe enviando sugestões para a redação > Leia no blog de Odebrecht Informa os posts escritos pelos repórteres e pelos editores da revista. Textos de Cláudio Lovato Filho, Fabiana Cabral, José Enrique Barreiro, Karolina Gutiez, Renata Meyer, Rodrigo Vilar, Thereza Martins, Zaccaria Júnior e colaboradores.

5 #155 inovação e tecnologia foto: ricardo telles Foto de capa: Nilton Souza Quintas Private faz do compartilhamento de casas uma porta de acesso a imóveis de alto padrão Nova Orleans trabalha em ritmo acelerado para se proteger de catástrofes naturais Nas obras da Arena Fonte Nova, uma goleada de soluções pioneiras de engenharia Em Pernambuco e no Rio Grande do Sul, os trilhos chegam para tornar a vida mais fácil Luiz Roberto Chagas: a inovação é o motor da competitividade e do crescimento de uma organização Conheça um programa que estimula a busca de soluções inovadoras e reconhece a criatividade das equipes Inovação, o fruto de uma busca conjunta e cotidiana da Braskem e seus clientes Uso de peças pré-moldadas garante mais rapidez e segurança na construção da Hidrelétrica Santo Antônio Pela primeira vez no mundo, uma plataforma autoelevatória é lançada a partir de outra estrutura flutuante Plataforma Norbe VI chega ao Brasil trazendo importantes novidades para a exploração e produção de petróleo Há 20 anos era assinado o contrato para a construção da plataforma P-18, um marco na indústria offshore Setor de açúcar e etanol a caminho de ter a tecnologia como um de seus diferenciais competitivos Em Itaguaí (RJ), tem início a realização de um antigo sonho brasileiro: a construção de submarinos Médicos da Odebrecht falam do papel da tecnologia na promoção da saúde e da qualidade de vida Famílias de agricultores começam a viver tempos em que o atravessador vai se tornando personagem do passado Luis Fernando Cassinelli escreve sobre a busca contínua da Braskem pela introdução de novas soluções & notícias pessoas Capa Ilustração de Rico Lins SEGURANÇA PERU PERFIL COLÔMBIA DESENVOLVIMENTO DE PESSOAS GENTE SABERES 3

6 4

7 EDITORIAL O espírito de servir é inquieto Desde que foi fundada, em 1944, a Odebrecht, através da capacitação e da constante insatisfação de seus integrantes, vem buscando oferecer, às comunidades nas quais está presente, soluções inovadoras, capazes de romper com os padrões estabelecidos Isto foi na Bahia, no canteiro de obras de São Roque do Paraguaçu, em junho: pela primeira vez no mundo, uma plataforma autoelevatória foi lançada à água a partir de outra estrutura flutuante, nesse caso, uma balsa. Uma inovação que já se tornou referência para a indústria de petróleo e gás. Do Nordeste brasileiro para o Sul dos Estados Unidos: em Nova Orleans, cidade onde o jazz nasceu, devastada pela passagem do furacão Katrina, em 2005, uma ampla reestruturação do sistema de diques vem sendo efetuada, incluindo algumas soluções de engenharia pioneiras. Há também o uso inédito de resinas termoplásticas em projetos petrolíferos e agrícolas; a instalação de fábricas de trilhos e fôrmas dentro de canteiros sendo, uma delas, a maior do mundo de seu tipo, em Salgueiro, Pernambuco. E, ainda, a primeira implosão de um estádio de futebol brasileiro e a revolução tecnológica que se inicia no setor de etanol e açúcar. Você lerá sobre isso e muito mais nesta edição de Odebrecht Informa. Para além de tratar de Inovação e Tecnologia, este número da revista fala sobre a criatividade e do quanto é vital, para quem trabalha em uma organização empresarial, ter um espírito permanentemente inquieto. Desde que foi fundada, em 1944, a Odebrecht, por meio da capacitação e da constante insatisfação de seus integrantes, vem buscando oferecer, às comunidades nas quais está presente, soluções inovadoras, capazes de romper com os padrões estabelecidos, quebrar paradigmas e alcançar novos patamares de produtividade, com um sentido muito claro: tornar mais vantajoso, para a coletividade, tudo o que a inventividade e o acúmulo de conhecimento e experiência empresariais forem capazes de proporcionar. Com a simplicidade e a humildade de quem possui o espírito de servir, essa capacidade de invenção e criação torna-se o elo entre o sonho dos clientes e a sua realização com competência e paixão pelos integrantes da Organização. Essa maneira de ver o trabalho e a vida certamente contribuiu para que a Odebrecht estivesse entre as 10 organizações ganhadoras do Prêmio Empresa dos Sonhos dos Jovens, promovido pela consultoria de recrutamento e seleção Cia. de Talentos. Essa conquista significa que grande parte dos 50 mil universitários brasileiros recém-formados, ouvidos em uma pesquisa, revelaram, espontaneamente, que gostariam de começar a vida profissional na Odebrecht. Boa leitura. 5

8 Compartilhando felici Repartir um sonho com outras pessoas pode ser a melhor maneira de realizá-lo. Em Sauípe, na Bahia, isso está acontecendo texto Leonardo Maia fotos Júlio Bittencourt 6 6

9 Fábio: aos 32 anos, liderando a atuação da Odebrecht em

10 O Quintas Private, que fica dentro do Condomínio Quintas Grande Laguna, e, na página ao lado, o casal Rodrigo e Kaline com os filhos: famíla estava gastando muito com hotel Imagine chegar à sua casa de praia e encontrar sempre tudo arrumado e funcionando perfeitamente bem. Isso sem precisar contratar os serviços de caseiro, piscineiro ou secretária do lar. Basta chegar e usufruir da piscina privativa, do espaço gourmet e de outras exclusividades, desfrutando tudo isso ao lado de até oito pessoas, entre familiares e convidados. Mágica? No Litoral Norte da Bahia, mais precisamente em Sauípe, isso é realidade há um ano, graças a um inovador sistema de uso compartilhado, mais conhecido pelo nome em inglês: fractional. É esse sistema que rege o Quintas Private Residences, que fica dentro do condomínio Quintas de Sauípe Grande Laguna, onde também há proprietários do modelo tradicional. Aqueles que optam pelo sistema de uso compartilhado podem comprar uma das 12 frações da casa, ou até mesmo mais de uma, se preferir. Cada fração dá direito a frequentar a casa por quatro semanas a cada ano, com até oito pessoas distribuídas em quatro suítes. E ainda pode-se trocar uma ou mais semanas por períodos no exterior, utilizando o portfólio de mais de 100 empreendimentos de casas e mil hotéis de alto padrão do The Registry Collection, clube de luxo que faz parte do grupo norte-americano RCI. Totalmente equipada com móveis e eletrodomésticos de primeira linha, a casa oferece enxoval completo (toalhas, roupas de cama, talheres, louças), ar condicionado, TV a cabo e rede wireless. Possui ainda área de serviço com quarto, depósito e lavanderia. Tudo com manutenção regular por 100 anos, período de duração do contrato do usuário. Em caso de falecimento, a fração pode ser herdada pelos descendentes do proprietário. Trouxemos para o mercado algo que sai do modelo tradicional e traduz as necessidades dos consumidores. Pesquisas recentes apontam que, após cinco anos de compra da sua casa de praia ou campo, o proprietário a frequenta por um mês ao ano, em média. No Quintas Private, você paga pelo que de fato consome. É um novo conceito de férias que oferecemos, explica Franklin Mira, Diretor Responsável pelo Destino Sauípe. Gastando muito com hotel São consumidores como o jovem casal Rodrigo e Kaline Cavalcanti, que tem três filhos, de 6, 3 e 2 anos. Nossa compra veio na hora certa. Estávamos gastando muito com hotel. A cada viagem, precisávamos de pelo menos dois quartos. Com esse sistema, você consegue aproveitar 100% do capital investido, ressalta Rodrigo, 32 anos, médico em Feira de Santana (BA). Sua esposa, Kaline, concorda e acrescenta: O melhor é chegar e encontrar a casa pronta e limpa, com toda a infraestrutura em dia. Na hora de ir embora, não precisa nem arrumar. Durante a estadia, o cliente tem direito, inclusive, à camareira três vezes na semana e à troca de enxoval duas vezes. Pode também contratar serviços pay-per-use para diarista, massagista, café da manhã em casa, supermercado delivery e buffets especiais de diversos tipos, como churrasco. A praticidade e o retorno do investimento são motivos fortes para o casal, mas não são os únicos. O bem-estar é ainda mais importante. A compra dessa fração mudou minha vida. Meu grau de estresse, impaciência e agitação caiu muito. Fora que é excelente para que a pessoa plane- 8 8

11 je suas férias e reserve com até um ano de antecedência. Quero sempre estar junto com minha família, diz Rodrigo. Além da estrutura que o Quintas Private oferece (restaurante, cinema, academia, quadras de esportes, lan house, espaço kids, SPA, e acesso privativo à praia, entre outros), o cliente do fractional pode utilizar a estrutura da Costa de Sauípe e tem desconto de 15% nos serviços pagos do complexo de hotéis e pousadas. Atrações não faltam nos arredores. Quando se utiliza um sistema como esse, você dá mais vida ao local. Doze proprietários utilizam intensamente cada casa e trazem maior dinâmica social e econômica ao destino, observa Franklin Mira. Sistema de rodízio A escolha das semanas é feita no sistema de rodízio inteligente, utilizado há mais 20 anos nos Estados Unidos e Europa e que possibilita ao usuário ter, sempre, pelo menos uma semana de alta estação. No momento da escolha, o usuário pode já selecionar suas quatro semanas, deixar para escolher parte das semanas no decorrer do ano ou depositar no The Registry Collection, que oferece destinos em mais de 100 países, como Itália, México, Emirados Árabes e Tailândia. A possibilidade de intercâmbio é fantástica, a família pode tirar férias onde quiser. Pode depositar suas semanas e não tem que se preocupar com quem vai ocupar a casa. Essa internacionalização cria uma flexibilidade interessante, afirma Franklin Mira. Além das opções já citadas, o proprietário da fração pode revendê-la a qualquer momento ou alugar para terceiros uma das semanas que não possa utilizar. O Quintas Private recebeu classificação máxima no portfólio do grupo RCI. Com os pontos de uma semana em Sauípe, o cliente pode passar duas semanas em um resort da Disney, por exemplo. Ou até quatro semanas em um hotel-butique do Nordeste brasileiro. Alejandro Moreno, Diretor da RCI Brasil, explica: A localização privilegiada do Quintas Private, com um visual de mar e lagoa, é realmente incrível. A casa tem muito bom gosto e cabe perfeitamente no nosso conceito. Além disso, quanto mais demandado é o destino por nossos clientes, mais créditos ele ganha no Registry Collection. Se já uma realidade no exterior, o fractional está dando os primeiros passos de sucesso no Brasil. Hoje, além do Quintas Private, existem outros dois empreendimentos de casas no Brasil em funcionamento e outros três em implantação. Isso sem contar os hotéis que também são opções para o usuário. O desafio atual é apresentar o sistema ao maior número de pessoas. Nosso maior desafio é quebrar um paradigma e oferecer um produto que José Eduardo: aprendizados é pouquíssimo comercializado no Brasil. precisam Ao degustarem se converter em essa inovação, as pessoas percebem imediatamente as vantagens. Não por acaso, 40% dos nossos clientes vieram de indicações, conta Franklin. O casal Rodrigo e Kaline é campeão em número de indicações. Gostaram tanto do Quintas Private que o recomendaram a 20 amigos. Desses, 12 adquiriram a fração. Todo mundo que podia comprar, comprou. Indicando amigos, também ajudamos a criar um ambiente familiar. Já nos sentimos em casa. Adoro cozinhar, trago meus temperos e uso o espaço gourmet da casa. Sempre convidamos amigos. Essa é uma das vantagens de ter quatro suítes disponíveis, ressalta Rodrigo. 9

12 maratona de nova orleans A cidade norte-americana trabalha para afastar o risco de catástrofes como a ocasionada pela passagem do furacão Katrina Nova Orleans, localizada à margem sul do lago, e as paróquias (municípios) vizinhas, que formam a Grande Nova Orleans, estão sendo totalmente cercadas por muros e diques. O sistema de proteção é inovador, pois conta com diferentes estruturas: muros de arrimo sobre estacas metálicas (perfis em T e L ), reforço frontal das estações de bombeamento e diversos tipos de portões que operam para o trânsito de veículos, trens e embarcações, garantintexto Karolina Gutiez fotos Lia Lubambo Costumo comparar a situação vivida após o Katrina aos diferentes tipos de competição de corrida. Logo depois da tragédia, como em uma prova de 100 m rasos, tivemos governos local, estadual e federal que dar uma resposta rápida, de emergência, para socorrer as vítimas do furacão. Com as questões emergenciais resolvidas, partimos para a reconstrução do sistema de proteção que tínhamos antes do tornado: uma corrida de 10 km. Hoje, estamos correndo uma maratona, que significa concluir o sistema, que estava inacabado, e torná-lo mais eficiente, para reduzir o risco de catástrofes como a que ocorreu em Ainda não chegamos ao fim do percurso, mas estamos perto. Com essa analogia, Jeff Bedey, Coronel aposentado do U.S. Army Corps of Engineers (Corps) que liderou a criação de uma organização responsável pela reconstrução do sistema de diques (levees), sua elevação e reparos nas estações de bombeamento, resume os estágios pelos quais o Estado da Lousiana e, principalmente, a cidade de Nova Orleans passaram desde que o furacão com nome de mulher devastou tudo. O Katrina me trouxe para cá. Eu não conhecia Nova Orleans, reflete o ex-militar, do Estado de Montana, com certa pausa na fala. A Odebrecht, que já participou da prova de 10 km, corre a maratona à frente de dois dos 53 contratos que integram o sistema de proteção contra furacões e cheias do Rio Mississippi, o mais importante dos Estados Unidos (que, somado ao seu principal afluente, o Missouri, maior rio norte-americano, tem km), e do Lago Pontchartrain, o segundo maior de água salgada do país. A Odebrecht é contratada pelo Corps, que tem como cliente o Levee District. O sistema de proteção 10

13 do os fluxos rodoviário, ferroviário e hidroviário. O objetivo é proteger a cidade e seus habitantes, mantendo aberto o seu acesso, vital para economia local, explica Gustavo Silveira, Gerente de Projeto de um dos contratos da Odebrecht, o chamado LPV-9.2. O desafio inicial do Corps foi conceber um sistema integrado de estruturas que promovesse a proteção da cidade e que pudesse ser construído no prazo estabelecido, dentro do orçamento aprovado pelo Congresso norte-americano US$ 14 bilhões. O estudo utilizou ções de eventos já ocorridos na região e, por meio de simulações, definiram-se os parâmetros necessários: um sistema que protegerá a Grande Nova Orleans contra furacões e cheias com uma possível ocorrência a cada 100 anos. O Katrina teve a intensidade de um evento que acontece a cada 496 anos. No caso das estações de bombeamento, o Corps também desenvolveu e construiu uma estrutura inédita, os Centros Elevados de Operação (Safe Houses), localizados ao lado de cada estação e que, remotamente, operam e monitoram as bombas em casos extremos de ventos e chuvas. Essas estruturas foram concebidas para suportar ventos de até 400 km/h e abrigar os operadores em local seguro (10 m acima do nível do solo), garantindo a contínua operação durante alguma emergência. O Corps construiu ainda um Centro de Comando integrado que gere o sistema como um todo e que abriga 58 pessoas, com autonomia de gás natural e energia elétrica por duas semanas, caso um furacão de Categoria 5, uma situação extrema, atinja a região. O prédio é todo reforçado para aguentar ventos fortes e conta com cozinha, lavanderia, seis televisões conectadas a câmeras Obras na estação de bombeamento e, acima, o Coronel Jeff Bedey: Ainda não chegamos ao fim do percurso, mas estamos perto 11

14 de monitoramento, canais de notícias e previsão do tempo, e uma pequena fábrica para a produção de sacos de areia, que ajudam na contenção da água em casos emergenciais de pequenas falhas do sistema. O Centro de Comando também monitora o fluxo diário das embarcações que trafegam no Mississippi. De lá, Giuseppe Miserandino, Diretor do West Jefferson Levee District, acompanha em tempo real cada embarcação que navega pelo rio, em um projetor em frente à sua mesa de trabalho, com visualização dos pontos críticos, como proximidade das margens, em locais onde os diques são rentes, podendo haver choque. Quando a equipe de reportagem de Odebrecht Informa esteve lá, Giuseppe estava há quatro semanas dormindo no Centro de Comando, no quarto no interior de seu escritório, por causa do aumento recorde do nível do rio, uma de suas maiores cheias nos últimos 100 anos. Nesse período, sua família ia frequentemente visitá-lo. O assunto é delicado e de extrema importância. Eles sabem que, no caso da chegada de um furacão, têm que deixar a cidade imediatamente. Giuseppe, nascido e criado em Nova Orleans, afirma: O Katrina trouxe-nos a possibilidade de melhorar o sistema de proteção que tínhamos e que estava incompleto. Depois dele, evoluímos para ter um centro elevado de operação em cada estação de bombeamento, garantindo a manutenção do serviço, fundamental durante uma inundação. Jeff Bedey defende que nenhum desastre natural, com impactos na comunidade, é positivo. Reconhece, no entanto, que no meio da tragédia, o aprendizado que fica é muito importante. Avançamos e tentamos tomar decisões e executar o que for necessário para reduzir as chances de algo semelhante acontecer novamente. Obras com as estações ativadas O contrato LPV-9.2 que a Odebrecht executa às margens do lago Pontchartrain prevê a construção de muros que servirão para reforçar e proteger quatro estações de bombeamento de água, atingidas pelo Katrina. Os muros, que são projetados com elevação final de 5,80 m acima do nível do lago, dão continuidade aos diques adjacentes às estações. Quando o furacão passou pela cidade, o sistema, desprotegido, conseguiu bombear apenas 45% de sua capacidade. O principal desafio do contrato é o requerimento de que as estações não podem ser desativadas durante a execução das obras. A qualquer momento, se necessário, a área onde os operários executam os trabalhos pode ser inundada, para que as bombas iniciem o movimento da água dos canais para o lago. As estações de bombeamento exercem um papel fundamental para a cidade, que tem grande parte de seu território localizada abaixo do nível da água. Por fazerem parte da rede de canais de drenagem de Nova Orleans, essas estações são frequentemente utilizadas, às vezes sem a ocorrência de chuvas. Cada vez que isso acontece, os trabalhadores da Odebrecht são avisados com 15 minutos de antecedência. Esse é o tempo que eles têm para retirar todos os equipamentos e evacuar o terreno. Nos últimos quatro meses, fomos inundados 14 vezes, comenta Gustavo Silveira. Frente aos desafios e respeitando determinações técnicas e contratuais, a Odebrecht desenvolveu um sistema inédito de cortina temporária de contenção (cofferdam ou ensecadeira), que conta com válvulas e minivertedouros. A estrutura permite secar a área de trabalho, criando um obstáculo para a estação de bombeamento que não ultrapassa a elevação de 0,25 m acima do nível 12

15 O muro de arrimo construído em área alagada e Giuseppe Miserandino: quatro semanas dormindo em um quarto dentro do escritório do lago. As válvulas são automatizadas e controladas remotamente pelos operadores da estação, quando é necessário inundar o sistema. Comum na construção de barragens, a ideia torna-se inédita quando utilizada dessa forma. Em uma barragem, utilizamos a ensecadeira para secar a área de operação. Entretanto, raramente há a necessidade de inundação desse terreno durante a execução dos trabalhos, diferentemente daqui, explica Gustavo. A solução trouxe uma economia significativa para o projeto, diz Rudy Armenta, Diretor dos Contratos da Odebrecht na Louisiana. O contrato LPV-9.2, no valor de US$ 175 milhões, é realizado muito próximo a residências. Para preservar a vizinhança da poluição sonora, foram implantadas três soluções que, juntas, atenuam os ruídos da obra. A primeira delas foi a instalação de duas cortinas, com controle de levantamento e rebaixamento de mantas. A segunda, sem custo algum, foi o redirecionamento da rota dos caminhões de concreto. A terceira foi a adoção da Giken Pile Press. Em vez da utilização de martelos convencionais para a cravação de estacas-prancha no solo, a máquina pressiona as estacas no chão sem nenhum ruído e com melhor qualidade, pois corrige o alinhamento e o prumo. O outro contrato, o LPV-3.2, no valor de US$ 85 milhões, consiste na execução de um muro de arrimo, também construído sobre estacas metálicas em área alagada, com m de extensão, que substituirá a estrutura antiga, construída na década de A nova proteção é erguida na margem de um canal do Lago Pontchartrain e, por isso, sofre com o seu nível. Se está muito alto, dificulta a realização dos trabalhos. Se está baixo, interfere na entrega de materiais, que é toda feita pelo canal. Aqui, nossa luta contra o nível da água, a exemplo do que vivencia a cidade, é constante, explica Rami Nassar, Gerente de Projeto do contrato. Como as balsas que entregam materiais não entravam no canal onde o muro está sendo construído, seria necessário escavar a encosta às margens. O limite para escavação é de 2,75 m, mas a extensão a ser escavada seria muito grande. Escavou-se apenas 1,5 m, a movimentação de terra foi menor, e toda a entrega de materiais é feita por pequenas embarcações, que retiram os produtos da balsa estacionada na entrada do canal. A solução adotada reduziu a operação de dragagem em 45% (cerca de 240 mil m³), sendo removido somente o material necessário para garantir o acesso de embarcações menores. A economia obtida com essa solução logística ajudou na conquista do contrato, diz Rudy Armenta. Outra inovação foi substituir a solda nos conectores ligados às estacas em I, que servem para reforçar a aderência da base do muro. Em vez de soldados, os conectores foram parafusados. A alteração reduziu, além do custo, o tempo de realização do trabalho, sem adulterar a qualidade e o design original. Estamos trabalhando em benefício de toda a cidade, que vem acompanhando o projeto como um todo, de perto, pois se trata de um tema muito sensível, sobretudo em um momento em que o nível do Rio Mississipi está altíssimo, avalia Rudy Armenta, que agora integra essa comunidade afetada pela questão. Abracei esse projeto. Comprei uma casa aqui e, com minha família, me mudei de Miami para cá. Não apenas acompanho o cuidado da população com a ocorrência de tempestades e inundações como compartilho e enfrento a mesma situação. E isso motiva o meu trabalho e a nossa busca por inovações, com o foco em produção e qualidade. 13

16 14 texto Luiz Carlos Ramos fotos Márcio Lima fonte de inovação 14

17 Gilson: Já estou me Obras da Arena Fonte Nova e preparando para a sequência da implosão do outros desafios antigo estádio: contribuição para a Engenharia brasileira Construção da Arena Fonte Nova, em Salvador, um dos palcos da Copa do Mundo de 2014, vem introduzindo soluções de engenharia pioneiras Ofutebol, uma das grandes paixões do Brasil, ficará mais alegre, seguro e confortável para o público da Bahia. A conclusão das obras da Arena Fonte Nova, dentro de um ano e meio, garantirá a Salvador condições para receber jogos da Copa das Confederações em 2013, ser sede de um grupo da Copa do Mundo de 2014, e muito mais. A Arena, fundamental para o futuro do esporte baiano, será mais que um estádio de futebol: com capacidade para 50 mil pessoas, poderá ser também palco de grandes espetáculos do Brasil e do exterior. A futura Arena Fonte Nova não será resultado de simples reforma do antigo Estádio Octávio Mangabeira, inaugurado há 60 anos e fechado em 2007, mas sim uma completa e moderna construção, baseada em tecnologias inovadoras. Um ano depois de a velha estrutura de arquibancadas de concreto ter sido demolida por meio de implosão até então inédita em estádios brasileiros, a área situada próxima ao Dique do Tororó é transformada a cada dia por trabalhadores e máquinas. O Consórcio Arena Salvador 2014, formado pela Odebrecht e a OAS, realiza as obras. As empresas administrarão a Arena Fonte Nova após a inauguração, prevista para o início de Dênio Cidreira, que preside a Fonte Nova Negócios e Participações, empresa criada para idealizar o melhor uso da arena, explica: A grande novidade é que não faremos apenas um estádio, mas uma arena multiuso, que será importante para o futebol e para a cultura baiana, pois também receberá grandes shows, congressos e eventos de todos os portes. Será, com certeza, um novo destino de negócios e entretenimento, disponível todos os dias do ano para a população. Alexandre Chiavegatto, da Odebrecht Infraestrutura, Diretor de Contrato do consórcio construtor, destaca que a implosão do antigo estádio da Fonte Nova, em 29 de agosto, foi um ótimo início. Aquela operação tornou-se importante contribuição para a tecnologia do setor de construção do país, pois, pela primeira vez, isso foi feito em um estádio e um estádio do porte da Fonte Nova, em zona densamente povoada em uma grande capital, diz Chiavegatto. Até então, no Brasil, as implosões eram feitas em prédios residenciais e edificações urbanas similares, como estabelecimentos comerciais e profissionais. O desafio da luta contra o tempo vai sendo honrado, explica Benedicto Barbosa da Silva Júnior, Líder Empresarial da Odebrecht Infraestrutura empresa que, ao lado da Odebrecht Participações e Investimentos (OPI), é responsável pela atuação da Organização no empreendimento: As obras seguem conforme o cronograma. A Arena Fonte Nova deixará importante legado para os baianos, pois se insere como verdadeiro marco de criação de novos negócios e de remodelação urbana. 15

18 Será um indutor de uma revalorização da região central da cidade. Felipe Jens, Líder de Investimentos da OPI, ressalta a parceria entre o Governo da Bahia e o setor privado para a realização da obra: Na Arena Fonte Nova, os investimentos são realizados com base em contrato de parceria público-privada (PPP) e concessões. A Odebrecht participa não apenas da construção de arenas, mas também de sua futura operação. A Odebrecht, que trabalha nas obras de mais três estádios para a Copa do Mundo a construção da Arena Pernambuco, na região metropolitana de Recife, a reforma do Maracanã, no Rio, e a terraplenagem e preparação do terreno para a execução da futura arena do Corinthians, em São Paulo, traz na bagagem a reforma anterior do próprio Maracanã e a conclusão do Estádio Engenhão, ambos para os Jogos Pan-Americanos de Nos Estados Unidos, construiu a American Airlines Arena e o estádio de futebol americano da Florida International University. Odebrecht Informa visitou as obras da Arena Fonte Nova em junho. O show da implosão Por segurança, os moradores da região foram retirados. Na implosão, o material caiu todo dentro da área do estádio, sem danos às pessoas e ao seu patrimônio, relembra Alexandre Chiavegatto. Setenta e sete mil t de concreto foram recicladas, tornando-se pedra britada para a futura arena e para outras obras, com a vantagem de evitar os transtornos de inúmeras viagens de caminhão: houve proteção ao meio ambiente, sem a massa de gás carbônico que seria expelida por veículos. A implosão ocorreu em um domingo e foi mostrada pela televisão para todo o país. Foi a primeira ação concreta para os estádios da Copa de A engenheira baiana Diana Paes, 26 anos, há quatro na Odebrecht, ajudou a coordenar a implosão e retrata o sentimento geral: Todos nós nos emocionamos no momento em que as arquibancadas caíram. Diana participou do trabalho prévio de conscientização dos moradores do entorno quanto à segurança. Ela fez palestras, explicando detalhes do projeto, também divulgados por meio de um folheto que trazia na capa uma fotomontagem da maquete da Arena e da cidade em volta, com o apelo: A construção deste sonho precisa da sua colaboração. Um sistema de comunicação, com reportagens em TVs, rádios e jornais, contribuiu para eliminar dúvidas da comunidade local. A demolição do anel inferior das arquibancadas da Fonte Nova, do ginásio de esportes Antônio Balbino e do conjunto de piscinas já havia sido feita pelo sistema mecanizado, no primeiro semestre de Faltava demolir a grande estrutura do estádio. Optou-se pela implosão, que se mostrava mais segura e econômica, segundo Chiavegatto. Uma empresa especializada em implosões, a Arcoenge, foi contratada para cuidar dos detalhes técnicos, colocar os explosivos na estrutura do estádio e detonar o processo após a evacuação da área. Não ocorreu nenhum incidente, diz Alexandre Chiavegatto. Houve soluções inovadoras: a proteção dos pilares, a realização de teste de fogo e a britagem do concreto demolido. A participação dos jovens Tudo terminou bem, e muitas pessoas choraram de emoção, recorda Diana Paes, que entrou na Odebrecht como estagiária em 2007 e, agora efetivada, é referência entre os 786 trabalhadores que tocam a obra 535 na produção e 251 na administração. Fui mesmo a moça da implosão, admite Diana, sorrindo. Agora estou na construção. Para os 22 estagiários que trabalham na Fonte Nova, Diana também é exemplo de dedicação e sucesso, como explica Thiago Gomes Cunha, administrador, há sete anos na Odebrecht e desde março deste ano na Fonte Nova, como coordenador do Programa de Formação de Estagiários: Os jovens devem sempre ambicionar evolução. Cada estagiário tem seu líder e passa por avaliações. O diálogo é fundamental. Um dos estagiários, Vinicius do Lago Maio, 26 anos, estudante do quarto ano de Administração na Universidade Jorge Amado, resume sua alegria: Sempre foi um sonho vir para cá. No dia a dia, troco ideias com profissionais experientes. Desafio de tecnologia A transformação da Fonte Nova já teve outras etapas, como o uso de andaime sobre carreta com prancha para as obras de reforço da estrutura do edifício que serve de canteiro administrativo e que será mantido. O coordenador Mário Sérgio Cardoso Marques conta que essa etapa foi vencida em quatro meses, de outubro do ano passado a janeiro deste ano, com criatividade: A carreta se movimentava aos poucos, evitando a armação de novos andaimes. Economizamos tempo e dinheiro. 16

19 Daniel: Esta é uma empresa que continua me dando oportunidades Paulo Henrique e Fidelfino: Ba-Vi no canteiro de obras No terreno, foi completada a terraplenagem, e as estacas já foram colocadas. O campo de futebol começa a ganhar forma. Logo subirão as arquibancadas, no estilo das modernas arenas erguidas nos últimos anos na Europa, nos Estados Unidos e no Japão. Depois, a cobertura, que protegerá todo o público. De acordo com o projeto, a arena terá a forma de ferradura, cuja abertura preservará a vista para o Dique do Tororó. Para o cronograma ser cumprido rigidamente, garantindo a entrada de Salvador na lista das cidades que receberão jogos da Copa das Confederações em 2013, o Consórcio Arena Salvador elaborou seu plano de ataque da obra com duas frentes de trabalho, ambas partindo das pontas da ferradura. Alexandre Chiavegatto explica: Vamos usar seis gruas fixas a partir do lado externo e dois guindastes móveis no interior da arena para cobrir toda a extensão da área a ser construída. Essa solução possibilita economia de tempo, sem risco de acidentes ou de perdas financeiras. O gramado terá perfeita drenagem, o que evitará o adiamento de jogos em dias de chuva. Rampas e corredores de acesso do público serão amplos e seguros. Rivalidade e união A futura Arena comportará também edifício-garagem, lojas, restaurante e um espaço cultural que, além de contar a história da música e de outras manifestações culturais da Boa Terra, destacará o futebol baiano e o clássico Bahia x Vitória (Ba-Vi), dois clubes com muita tradição. O Bahia, primeiro campeão nacional, conquistou a Taça Brasil de 1959 e ganhou o título brasileiro de O recorde oficial de público na Fonte Nova foi Bahia 2 x Fluminense do Rio 1, semifinal do Brasileiro de 1988, com pagantes. O Vitória foi vice-campeão brasileiro de 1993 e vice da Copa do Brasil de Nas obras da Arena Fonte Nova, o ambiente descontraído entre os trabalhadores não impede que se aflore a rivalidade entre as duas torcidas baianas. Entre os mais fanáticos adeptos do Bahia no canteiro está Paulo Henrique Souza dos Santos, 22 anos, técnico de segurança no trabalho, que desabotoa seu uniforme e mostra estar vestindo também a camisa do seu clube: Estamos de novo na série A do Brasileiro, diz, com orgulho. Ao seu lado, Fidelfino Machado dos Santos, 42 anos, carpinteiro, exibe a camisa do Vitória. Nosso time está na série B, mas logo vai subir outra vez e jogar na nova Fonte Nova, prevê. Restaram pedaços de concreto da antiga Fonte Nova: nem todo o material resultante da implosão foi reciclado. Inúmeros pedaços, conservando o revestimento azul das arquibancadas, foram recolhidos por operários e guardados como relíquias. Dois mil outros pedaços foram colocados em caixas transparentes de acrílico e doados às Obras Sociais Irmã Dulce (OSID). Vendidos a R$ 35,00 cada, os R$ 70 mil arrecadados serão utilizados pela OSID em apoio à missão iniciada pela religiosa recentemente beatificada pelo Vaticano, esperança para pessoas carentes de Salvador. 17

20 18 Fábricas instaladas nos canteiros agilizam obras da Ferrovia Transnordestina e do Metrô de Porto Alegre Roger e sua equipe: Existe aqui a possibilidade de termos muitos líderes, que nos ajudam no autodesenvolvimento texto Thereza Martins fotos Élvio Luiz e Mathias Craemer feitos em casa 18

RELATÓRIO DE ESTÁGIO INSTITUTO TECNOLÓGICO DE AERONÁUTICA CURSO DE ENGENHARIA CIVIL-AERONÁUTICA. Iron House Real Estate

RELATÓRIO DE ESTÁGIO INSTITUTO TECNOLÓGICO DE AERONÁUTICA CURSO DE ENGENHARIA CIVIL-AERONÁUTICA. Iron House Real Estate INSTITUTO TECNOLÓGICO DE AERONÁUTICA CURSO DE ENGENHARIA CIVIL-AERONÁUTICA RELATÓRIO DE ESTÁGIO Iron House Real Estate São Paulo-SP, 18 novembro de 2013 Herton Ferreira Cabral Junior FOLHA DE APROVAÇÃO

Leia mais

Odebrecht TransPort traça novas rotas brasileiras

Odebrecht TransPort traça novas rotas brasileiras nº 342 outubro 2014 Odebrecht TransPort traça novas rotas brasileiras Odebrecht 70 anos: projetos que contribuem para melhorar as opções de mobilidade urbana das comunidades Odebrecht Infraestrutura Brasil

Leia mais

Região. Mais um exemplo de determinação

Região. Mais um exemplo de determinação O site Psicologia Nova publica a entrevista com Úrsula Gomes, aprovada em primeiro lugar no concurso do TRT 8 0 Região. Mais um exemplo de determinação nos estudos e muita disciplina. Esse é apenas o começo

Leia mais

Conheça a trajetória da empresa no Brasil através desta entrevista com o Vice- Presidente, Li Xiaotao.

Conheça a trajetória da empresa no Brasil através desta entrevista com o Vice- Presidente, Li Xiaotao. QUEM É A HUAWEI A Huawei atua no Brasil, desde 1999, através de parcerias estabelecidas com as principais operadoras de telefonia móvel e fixa no país e é líder no mercado de banda larga fixa e móvel.

Leia mais

Entrevista da Professora Rosa Trombetta à rádio Jovem Pan.

Entrevista da Professora Rosa Trombetta à rádio Jovem Pan. Entrevista da Professora Rosa Trombetta à rádio Jovem Pan. A Professora Rosa Trombetta, Coordenadora de Cursos da FIPECAFI aborda o assunto elearning para os ouvintes da Jovem Pan Online. Você sabe o que

Leia mais

SUPERE A CRISE E FORTALEÇA SEU NEGÓCIO.

SUPERE A CRISE E FORTALEÇA SEU NEGÓCIO. Workshop para empreendedores e empresários do Paranoá DF. SUPERE A CRISE E FORTALEÇA SEU NEGÓCIO. Dias 06 e 13 de Dezembro Hotel Bela Vista Paranoá Das 08:00 às 18:00 horas Finanças: Aprenda a controlar

Leia mais

Rio de Janeiro, 10 de junho de 2008

Rio de Janeiro, 10 de junho de 2008 IDENTIFICAÇÃO Rio de Janeiro, 10 de junho de 2008 Humberto Cordeiro Carvalho admitido pela companhia em 1 de julho de 1981. Eu nasci em 25 de maio de 55 em Campos do Goytacazes. FORMAÇÃO Segundo grau Escola

Leia mais

Grupo Usiminas fabrica em Cubatão e Ipatinga, em Minas Gerais, perfis de aço para a construção de habitações

Grupo Usiminas fabrica em Cubatão e Ipatinga, em Minas Gerais, perfis de aço para a construção de habitações Edição: 5132010 Litoral Paulista, sexta-feira, 20 de agosto Página: 1 Grupo Usiminas fabrica em Cubatão e Ipatinga, em Minas Gerais, perfis de aço para a construção de habitações w w w. u s i m i n a s.

Leia mais

Encontro Nacional Jovem de Futuro 2013: conexões e troca de experiências

Encontro Nacional Jovem de Futuro 2013: conexões e troca de experiências boletim Jovem de Futuro ed. 04-13 de dezembro de 2013 Encontro Nacional Jovem de Futuro 2013: conexões e troca de experiências O Encontro Nacional Jovem de Futuro 2013 aconteceu de 26 a 28 de novembro.

Leia mais

RETORNO EM EDUCAÇÃO CORPORATIVA DEVE SER MENSURADO

RETORNO EM EDUCAÇÃO CORPORATIVA DEVE SER MENSURADO RETORNO EM EDUCAÇÃO CORPORATIVA DEVE SER MENSURADO Apesar de as empresas brasileiras estarem despertando para o valor das ações de educação corporativa em prol dos seus negócios, muitos gestores ainda

Leia mais

INOVAÇÃO NA ADVOCACIA A ESTRATÉGIA DO OCEANO AZUL NOS ESCRITÓRIOS JURÍDICOS

INOVAÇÃO NA ADVOCACIA A ESTRATÉGIA DO OCEANO AZUL NOS ESCRITÓRIOS JURÍDICOS INOVAÇÃO NA ADVOCACIA A ESTRATÉGIA DO OCEANO AZUL NOS ESCRITÓRIOS JURÍDICOS Ari Lima Um empreendimento comercial tem duas e só duas funções básicas: marketing e inovação. O resto são custos. Peter Drucker

Leia mais

Mesmo em uma construtora de menor porte, o processo de gestão pode ser bastante complexo. Este guia traz dicas de gerenciamento para atingir os

Mesmo em uma construtora de menor porte, o processo de gestão pode ser bastante complexo. Este guia traz dicas de gerenciamento para atingir os Mesmo em uma construtora de menor porte, o processo de gestão pode ser bastante complexo. Este guia traz dicas de gerenciamento para atingir os melhores resultados. 2 ÍNDICE SOBRE O SIENGE INTRODUÇÃO 01

Leia mais

Estratégias de EAD na Vale

Estratégias de EAD na Vale Estratégias de EAD na Vale Mineradora pioneira que trabalha com paixão, transformando recursos minerais em ingredientes essenciais o dia-a-dia das pessoas. É a segunda maior mineradora diversificada do

Leia mais

O caminho para o sucesso. Promovendo o desenvolvimento para além da universidade

O caminho para o sucesso. Promovendo o desenvolvimento para além da universidade O caminho para o sucesso Promovendo o desenvolvimento para além da universidade Visão geral Há mais de 40 anos, a Unigranrio investe em ensino diferenciado no Brasil para cumprir com seu principal objetivo

Leia mais

Profissionais de Alta Performance

Profissionais de Alta Performance Profissionais de Alta Performance As transformações pelas quais o mundo passa exigem novos posicionamentos em todas as áreas e em especial na educação. A transferência pura simples de dados ou informações

Leia mais

e das pessoas; conceitos e informações socialmente responsável funcionais e institucionais; estimular o comportamento divulgar aos colaboradores

e das pessoas; conceitos e informações socialmente responsável funcionais e institucionais; estimular o comportamento divulgar aos colaboradores Levar todas as informações decisivas da empresa, de forma rápida e simples; jornalmural divulgar aos colaboradores conceitos e informações funcionais e institucionais; reconhecer o trabalho das áreas e

Leia mais

Discurso do ministro do Planejamento, Nelson Barbosa, na cerimônia de transmissão de cargo

Discurso do ministro do Planejamento, Nelson Barbosa, na cerimônia de transmissão de cargo Discurso do ministro do Planejamento, Nelson Barbosa, na cerimônia de transmissão de cargo Brasília, 02 de janeiro de 2015. Ministra Miriam Belchior, demais autoridades, parentes e amigos aqui presentes.

Leia mais

ERP. Enterprise Resource Planning. Planejamento de recursos empresariais

ERP. Enterprise Resource Planning. Planejamento de recursos empresariais ERP Enterprise Resource Planning Planejamento de recursos empresariais O que é ERP Os ERPs em termos gerais, são uma plataforma de software desenvolvida para integrar os diversos departamentos de uma empresa,

Leia mais

O papel do CRM no sucesso comercial

O papel do CRM no sucesso comercial O papel do CRM no sucesso comercial Escrito por Gustavo Paulillo Você sabia que o relacionamento com clientes pode ajudar sua empresa a ter mais sucesso nas vendas? Ter uma equipe de vendas eficaz é o

Leia mais

A Copa do Mundo e a importância dos CT s no Brasil DESTAQUES. Curitiba, 26 de setembro de 2012 l 6ª Edição - Setembro/Outubro

A Copa do Mundo e a importância dos CT s no Brasil DESTAQUES. Curitiba, 26 de setembro de 2012 l 6ª Edição - Setembro/Outubro Curitiba, 26 de setembro de 2012 l 6ª Edição - Setembro/Outubro DESTAQUES A Copa do Mundo e a importância dos CT s no Brasil Fifa indica estádios de futebol, mas seleções da Copa poderão escolher seus

Leia mais

LIDERAR PESSOAS A BASE DA CONSTRUÇÃO DE UMA EQUIPE DE SUCESSO. Prof. Paulo Henrique Ribeiro paulo@topassessoria.com

LIDERAR PESSOAS A BASE DA CONSTRUÇÃO DE UMA EQUIPE DE SUCESSO. Prof. Paulo Henrique Ribeiro paulo@topassessoria.com LIDERAR PESSOAS A BASE DA CONSTRUÇÃO DE UMA EQUIPE DE SUCESSO Prof. Paulo Henrique Ribeiro paulo@topassessoria.com LI ESTAMOS PASSANDO PELA MAIOR TRANSFORMAÇÃO NA HISTÓRIA DA HUMANIDADE. VALORIZAR PESSOAS

Leia mais

Rede IPTV DX - Clubes Desportivos

Rede IPTV DX - Clubes Desportivos White Paper 24 de Setembro de 2014 Rede IPTV DX - Clubes Desportivos Alcançando e realizando o potencial do torcedor móvel IPTV Móvel para Clubes Desportivos - DX - 1 O negócio de mídia e venda para torcedores

Leia mais

RELATÓRIO DE ESTÁGIO CURRICULAR OBRIGATÓRIO

RELATÓRIO DE ESTÁGIO CURRICULAR OBRIGATÓRIO UNIVERSIDADE TECNOLÓGICA FEDERAL DO PARANÁ COORDENAÇÃO DE ENGENHARIA CIVIL CAMPUS CAMPO MOURÃO ENGENHARIA CIVIL CÉSAR RODIGHERI RELATÓRIO DE ESTÁGIO CURRICULAR OBRIGATÓRIO Relatório de Estágio Curricular

Leia mais

REGULAMENTO DESAFIO CRIATIVOS DA ESCOLA

REGULAMENTO DESAFIO CRIATIVOS DA ESCOLA REGULAMENTO DESAFIO CRIATIVOS DA ESCOLA O Desafio Criativos da Escola é um concurso promovido pelo Instituto Alana com sede na Rua Fradique Coutinho, 50, 11 o. andar, Bairro Pinheiros São Paulo/SP, CEP

Leia mais

TIPOS DE ESTRUTURAS. Prof. Marco Pádua

TIPOS DE ESTRUTURAS. Prof. Marco Pádua TIPOS DE ESTRUTURAS Prof. Marco Pádua A função da estrutura é transmitir para o solo a carga da edificação. Esta carga compõe-se de: peso próprio da estrutura, cobertura, paredes, esquadrias, revestimentos,

Leia mais

QUER TER SUCESSO NOS NEGÓCIOS? CONFIRA NOSSAS DICAS!

QUER TER SUCESSO NOS NEGÓCIOS? CONFIRA NOSSAS DICAS! QUER TER SUCESSO NOS NEGÓCIOS? CONFIRA NOSSAS DICAS! 4 Introdução 5 Conheça seu público 5 Crie uma identidade para sua empresa 6 Construa um site responsivo 6 Seja direto, mas personalize o máximo possível

Leia mais

Jairo Martins da Silva. FOTOs: divulgação

Jairo Martins da Silva. FOTOs: divulgação Jairo Martins da Silva FOTOs: divulgação E N T R E V I S T A Disseminando qualidade e cultura Superintendente-geral da Fundação Nacional da Qualidade, Jairo Martins da Silva fala sobre o desafio da qualidade

Leia mais

BAIRRO PLANEJADO BASE I N V E S T I M E N T O S

BAIRRO PLANEJADO BASE I N V E S T I M E N T O S BAIRRO PLANEJADO BASE I N V E S T I M E N T O S Sua vida em transformação Do sonho à realidade. Do projeto à execução. Da necessidade dos clientes à superação das expectativas. Com essas idéias em mente,

Leia mais

INDÚSTRIA NAVAL BRASILEIRA

INDÚSTRIA NAVAL BRASILEIRA UM NOVO MOMENTO DA INDÚSTRIA NAVAL BRASILEIRA ENSEADA. A QUALIDADE, A PRODUTIVIDADE E A TECNOLOGIA DOS MELHORES ESTALEIROS DO MUNDO AGORA NO BRASIL Resultado da associação entre Odebrecht, OAS, UTC e Kawasaki,

Leia mais

ESPORTE NÃO É SÓ PARA ALGUNS, É PARA TODOS! Esporte seguro e inclusivo. Nós queremos! Nós podemos!

ESPORTE NÃO É SÓ PARA ALGUNS, É PARA TODOS! Esporte seguro e inclusivo. Nós queremos! Nós podemos! ESPORTE NÃO É SÓ PARA ALGUNS, É PARA TODOS! Esporte seguro e inclusivo. Nós queremos! Nós podemos! Documento final aprovado por adolescentes dos Estados do Amazonas, da Bahia, do Ceará, do Mato Grosso,

Leia mais

UNIDADE VI ESCREVENDO E-MAILS QUE GERAM RESULTADOS

UNIDADE VI ESCREVENDO E-MAILS QUE GERAM RESULTADOS UNIDADE VI ESCREVENDO E-MAILS QUE GERAM RESULTADOS Nessa unidade vou mostrar para você como escrever e-mails que geram resultados. Mas que resultados são esses? Quando você escreve um e-mail tem que saber

Leia mais

visão, missão e visão valores corporativos Ser uma empresa siderúrgica internacional, de classe mundial.

visão, missão e visão valores corporativos Ser uma empresa siderúrgica internacional, de classe mundial. visão, missão e valores corporativos visão Ser uma empresa siderúrgica internacional, de classe mundial. MISSÃO O Grupo Gerdau é uma Organização empresarial focada em siderurgia, com a missão de satisfazer

Leia mais

O Valor estratégico da sustentabilidade: resultados do Relatório Global da McKinsey

O Valor estratégico da sustentabilidade: resultados do Relatório Global da McKinsey O Valor estratégico da sustentabilidade: resultados do Relatório Global da McKinsey Executivos em todos os níveis consideram que a sustentabilidade tem um papel comercial importante. Porém, quando se trata

Leia mais

CBA. Comércio Internacional PÚBLICO-ALVO COMPLEMENTAÇÃO ACADÊMICA MATERIAL DIDÁTICO. Internacional. Comércio

CBA. Comércio Internacional PÚBLICO-ALVO COMPLEMENTAÇÃO ACADÊMICA MATERIAL DIDÁTICO. Internacional. Comércio CBA Comércio Internacional Comércio Internacional A intensidade das relações comerciais e produtivas das empresas no atual contexto econômico tem exigido das empresas um melhor entendimento da complexidade

Leia mais

RELATÓRIO ANUAL DE ATIVIDADES 2013

RELATÓRIO ANUAL DE ATIVIDADES 2013 RELATÓRIO ANUAL DE ATIVIDADES 2013 Even e Junior Achievement de Minas Gerais UMA PARCERIA DE SUCESSO 1 SUMÁRIO Resultados Conquistados... 3 Resultados do Projeto... 4 Programa Finanças Pessoais... 5 Conceitos

Leia mais

Da propaganda ao marketing ao Visual Merchandising, como nasceu o seu interesse pelo Visual Merchandising?

Da propaganda ao marketing ao Visual Merchandising, como nasceu o seu interesse pelo Visual Merchandising? A experiência no ambiente de loja é essencial para a relação entre o consumidor e a marca. Não é mais simplesmente uma questão de produtos, é preciso tornar a própria loja interessante e aconchegante para

Leia mais

Nosso Planeta Mobile: Brasil

Nosso Planeta Mobile: Brasil Nosso Planeta Mobile: Brasil Como entender o usuário de celular Maio de 2012 1 Resumo executivo Os smartphones se tornaram indispensáveis para nosso cotidiano. A difusão dos smartphones atinge 14% da população,

Leia mais

A Record News SC deseja desenvolver uma campanha para mostrar o potencial econômico da região sul de SC.

A Record News SC deseja desenvolver uma campanha para mostrar o potencial econômico da região sul de SC. A Record News SC deseja desenvolver uma campanha para mostrar o potencial econômico da região sul de SC. OBJETIVO Promover a Record News SC e o Grupo RIC para empresário e telespectadores DURAÇÃO E PERIODICIDADE

Leia mais

Nosso Planeta Mobile: Brasil

Nosso Planeta Mobile: Brasil Nosso Planeta Mobile: Brasil Como entender o usuário de celular Maio de 2013 1 Resumo executivo Os smartphones se tornaram indispensáveis para nosso cotidiano. A difusão dos smartphones atinge 26 % da

Leia mais

EMPREENDEDORISMO: POR QUE DEVERIA APRENDER?

EMPREENDEDORISMO: POR QUE DEVERIA APRENDER? EMPREENDEDORISMO: POR QUE DEVERIA APRENDER? Anderson Katsumi Miyatake Emerson Oliveira de Almeida Rafaela Schauble Escobar Tellis Bruno Tardin Camila Braga INTRODUÇÃO O empreendedorismo é um tema bastante

Leia mais

DE SERVIÇOS LUSAN METALÚRGICA. w w w. l u s a n m e t a l u r g i c a. c o m. b r

DE SERVIÇOS LUSAN METALÚRGICA. w w w. l u s a n m e t a l u r g i c a. c o m. b r R I PORTFÓLIO DE SERVIÇOS LUSAN METALÚRGICA w w w. l u s a n m e t a l u r g i c a. c o m. b r I R ÍNDICE QUEM SOMOS 5 Missão, Visão e Valores QUALIDADE 8 Preservação Ambiental Fornecedores e Prestadores

Leia mais

Rio de Janeiro, 5 de junho de 2008

Rio de Janeiro, 5 de junho de 2008 Rio de Janeiro, 5 de junho de 2008 IDENTIFICAÇÃO Meu nome é Alexandre da Silva França. Eu nasci em 17 do sete de 1958, no Rio de Janeiro. FORMAÇÃO Eu sou tecnólogo em processamento de dados. PRIMEIRO DIA

Leia mais

Título: Pensando estrategicamente em inovação tecnológica de impacto social Categoria: Projeto Externo Temática: Segundo Setor

Título: Pensando estrategicamente em inovação tecnológica de impacto social Categoria: Projeto Externo Temática: Segundo Setor Título: Pensando estrategicamente em inovação tecnológica de impacto social Categoria: Projeto Externo Temática: Segundo Setor Resumo: A finalidade desse documento é apresentar o projeto de planejamento

Leia mais

Jornada de Aprendizado. Confederação Nacional das Empresas de Seguros Gerais, Previdência Privada e Vida, Saúde Suplementar e Capitalização (CNseg)

Jornada de Aprendizado. Confederação Nacional das Empresas de Seguros Gerais, Previdência Privada e Vida, Saúde Suplementar e Capitalização (CNseg) Jornada de Aprendizado Confederação Nacional das Empresas de Seguros Gerais, Previdência Privada e Vida, Saúde Suplementar e Capitalização (CNseg) Promovendo os microsseguros: Educação Financeira Conteúdo

Leia mais

Revestimentos Monolíticos

Revestimentos Monolíticos Revestimentos Monolíticos Catálogo Geral Alta performance com estética elevada A RM Revestimentos Monoliticos é uma indústria que, em parceria com a Miaki Revestimentos, desenvolve e comercializa revestimentos

Leia mais

Informativo EDIÇÃO 12 ANO IV. Julho/ Agosto/ Setembro 2015. PACER comemora 12 anos de história DESTAQUES DESTA EDIÇÃO TRANSPORTE DE CARGAS:

Informativo EDIÇÃO 12 ANO IV. Julho/ Agosto/ Setembro 2015. PACER comemora 12 anos de história DESTAQUES DESTA EDIÇÃO TRANSPORTE DE CARGAS: EDIÇÃO 12 ANO IV (11) 3648-4700 / (21) 3161-8600 www.pacer.com.br Informativo Julho/ Agosto/ Setembro 2015 PACER comemora 12 anos de história DESTAQUES DESTA EDIÇÃO TRANSPORTE DE CARGAS: 10 ANOS PACER:

Leia mais

Nos últimos anos o mercado brasileiro de imóveis vivenciou um crescimento inacreditável, o lançamento de novas unidades mais a valorização de imóveis

Nos últimos anos o mercado brasileiro de imóveis vivenciou um crescimento inacreditável, o lançamento de novas unidades mais a valorização de imóveis Nos últimos anos o mercado brasileiro de imóveis vivenciou um crescimento inacreditável, o lançamento de novas unidades mais a valorização de imóveis usados, além do crescimento de renda da população e

Leia mais

Esta obra-prima vai mudar a sua vida.

Esta obra-prima vai mudar a sua vida. Esta obra-prima vai mudar a sua vida. 2 e 3 dorms. (suíte) Lazer completo A sua felicidade não é mais um sonho abstrato. A vida que você sempre quis começa a ganhar formas, contornos e cores reais. Inspiração

Leia mais

2 DESCRIÇÃO DO LOCAL. Figura 1 Edifício Philadélphia

2 DESCRIÇÃO DO LOCAL. Figura 1 Edifício Philadélphia 4 1 INTRODUÇÃO Esse relatório tem como objetivo apresentar as atividades desenvolvidas pelo acadêmico Joel Rubens da Silva Filho no período do estágio obrigatório para conclusão do curso de Engenharia

Leia mais

ERP. Planejamento de recursos empresariais

ERP. Planejamento de recursos empresariais ERP Enterprise Resource Planning Planejamento de recursos empresariais ERP Enterprise Resource Planning -Sistema de Gestão Empresarial -Surgimento por volta dos anos 90 -Existência de uma base de dados

Leia mais

Turismo de (bons) negócios. 26 KPMG Business Magazine

Turismo de (bons) negócios. 26 KPMG Business Magazine Turismo de (bons) negócios 26 KPMG Business Magazine Segmento ganha impulso com eventos internacionais e aumento da demanda interna Eventos mobilizaram mais de R$ 20,6 bilhões em 2011 A contagem regressiva

Leia mais

A FEIRA VERÃO. Brasileiro 26-29 JUNHO. 48ª Feira Internacional da Moda em Calçados e Acessórios. Domingo a Quarta ANHEMBI SP

A FEIRA VERÃO. Brasileiro 26-29 JUNHO. 48ª Feira Internacional da Moda em Calçados e Acessórios. Domingo a Quarta ANHEMBI SP A FEIRA VERÃO do Brasileiro 48ª Feira Internacional da Moda em Calçados e Acessórios 26-29 JUNHO Domingo a Quarta ANHEMBI SP Todo setor se encontra na Feira que é REFERÊNCIA nacional e internacional da

Leia mais

FORMULÁRIOS DR PARANÁ ELABORAÇÃO DE SITUAÇÕES DE APRENDIZAGEM

FORMULÁRIOS DR PARANÁ ELABORAÇÃO DE SITUAÇÕES DE APRENDIZAGEM FORMULÁRIOS DR PARANÁ ELABORAÇÃO DE SITUAÇÕES DE APRENDIZAGEM SENAI/PR 1 PLANO DE SITUAÇÃO DE APRENDIZAGEM N.º 1 (1) Seleção de capacidades, conteúdos formativos e definição da estratégia Unidade do SENAI:

Leia mais

Implantação de ERP com sucesso

Implantação de ERP com sucesso Implantação de ERP com sucesso Implantação de ERP com sucesso, atualmente ainda é como um jogo de xadrez, você pode estar pensando que está ganhando na implantação, mas de repente: Check Mate. Algumas

Leia mais

THE NEXT GENERATION IS NOW MANAGEMENT & CONSULTING GROUP

THE NEXT GENERATION IS NOW MANAGEMENT & CONSULTING GROUP Soluções integradas para a Indústria do turismo empresarial THE NEXT GENERATION IS NOW MANAGEMENT & CONSULTING GROUP A equipa da XYM Hospitality e os seus parceiros possuem vastos conhecimentos sobre a

Leia mais

Mensagem do presidente

Mensagem do presidente Mensagem do presidente A giroflex-forma está em um novo momento. Renovada, focada em resultados e nas pessoas, ágil e mais competitiva no mercado de assentos e de mobiliário corporativo. Representando

Leia mais

EMPREENDEDORISMO DE. Professor Victor Sotero

EMPREENDEDORISMO DE. Professor Victor Sotero EMPREENDEDORISMO DE NEGÓCIOS COM INFORMÁTICA Professor Victor Sotero 1 OBJETIVOS DA DISCIPLINA Esta disciplina apresenta uma metodologia para formação de empreendedores. Aberta e flexível, baseada em princípios

Leia mais

Boletim Informativo do Grupo Premodisa

Boletim Informativo do Grupo Premodisa Nº36 DEZ. 2014 Boletim Informativo do Grupo Premodisa Mais qualidade e qualificação Mudanças aperfeiçoam planejamento e produtividade. Acesse aqui. Alunos da FACENS visitam Grupo Premodisa Estudantes de

Leia mais

UMA PROPOSTA INOVADORA PARA ENSINAR EMPREENDEDORISMO AOS JOVENS

UMA PROPOSTA INOVADORA PARA ENSINAR EMPREENDEDORISMO AOS JOVENS UMA PROPOSTA INOVADORA PARA ENSINAR EMPREENDEDORISMO AOS JOVENS www.empreende.com.br emp@empreende.com.br FAZENDO ACONTECER Programa de ensino de empreendedorismo inovador em nível mundial, desenvolvido

Leia mais

WWW.ARTSOFTSISTEMAS.COM

WWW.ARTSOFTSISTEMAS.COM WWW.ARTSOFTSISTEMAS.COM PORTFÓLIO DE CLIENTES ARTSOFT Há 45 anos a Ferral é uma empresa de conceituada tradição, no mercado, usando de criatividade na busca de soluções para execução de obras de médio

Leia mais

Metodologia. MARGEM DE ERRO O intervalo de confiança estimado é de 95% e a margem de erro máxima é de 3 pontos percentuais para mais ou para menos.

Metodologia. MARGEM DE ERRO O intervalo de confiança estimado é de 95% e a margem de erro máxima é de 3 pontos percentuais para mais ou para menos. Metodologia COLETA Entrevistas domiciliares com questionário estruturado. LOCAL DA PESQUISA Município de São Paulo. UNIVERSO moradores de 16 anos ou mais. PERÍODO DE CAMPO de 26 de setembro a 1º de outubro

Leia mais

Diálogos Governo -Sociedade Civil COPA 2014. O que o Brasil já ganhou com a Copa

Diálogos Governo -Sociedade Civil COPA 2014. O que o Brasil já ganhou com a Copa Diálogos Governo -Sociedade Civil COPA 2014 O que o Brasil já ganhou com a Copa 2 O que o Brasil já ganhou com a Copa Investimentos A Copa do Mundo é um grande investimento para todos brasileiros Os únicos

Leia mais

Manual de Estruturas de Concreto

Manual de Estruturas de Concreto Manual de Estruturas de Concreto 1INT O Manual é uma das ferramentas do Projeto Estruturas Racionalizadas disponibilizadas para a Comunidade da Construção. Por ser instrumento de uma comunidade técnica

Leia mais

Programa Acreditar Case Odebrecht. Antonio Cardilli

Programa Acreditar Case Odebrecht. Antonio Cardilli Programa Acreditar Case Odebrecht Antonio Cardilli Agenda Organização Odebrecht Programa Acreditar Programa Acreditar Jr A Organização Pessoas Integrantes de mais de 60 nacionalidades 180.278 Integrantes

Leia mais

Perspectivas do mercado de tratamento de águas e efluentes

Perspectivas do mercado de tratamento de águas e efluentes por Bruna Lavrini Perspectivas do mercado de tratamento de águas e efluentes Segundo fontes do setor, 2013 deve ser mais promissor do que 2012 O ano de 2012 está acabando e é necessário fazer um balanço

Leia mais

Urban View. Urban Reports. Fielzão e seu impacto na zona Leste

Urban View. Urban Reports. Fielzão e seu impacto na zona Leste Urban View Urban Reports Fielzão e seu impacto na zona Leste Programa Falando em dinheiro, coluna Minha cidade, meu jeito de morar e investir Rádio Estadão ESPN Itaquera acordou com caminhões e tratores

Leia mais

Entrevista Noemi Rodrigues (Associação dos Pescadores de Guaíba) e Mário Norberto, pescador. Por que de ter uma associação específica de pescadores?

Entrevista Noemi Rodrigues (Associação dos Pescadores de Guaíba) e Mário Norberto, pescador. Por que de ter uma associação específica de pescadores? Entrevista Noemi Rodrigues (Associação dos Pescadores de Guaíba) e Mário Norberto, pescador. Por que de ter uma associação específica de pescadores? Noemi: É a velha história, uma andorinha não faz verão,

Leia mais

Renova Energia Otimiza Gestão de Conhecimento e Projetos com CA Project & Portfolio Management SaaS

Renova Energia Otimiza Gestão de Conhecimento e Projetos com CA Project & Portfolio Management SaaS CUSTOMER SUCCESS STORY Junho 2014 Renova Energia Otimiza Gestão de Conhecimento e Projetos com CA Project & Portfolio Management SaaS PERFIL DO CLIENTE Empresa: Renova Energia Indústria: Energia Funcionários:

Leia mais

ações de cidadania ONG estimula o protagonismo de jovens para que eles atuem transformando a realidade de região castigada pela seca no Ceará

ações de cidadania ONG estimula o protagonismo de jovens para que eles atuem transformando a realidade de região castigada pela seca no Ceará ações de cidadania Onde o sol nasce ONG estimula o protagonismo de jovens para que eles atuem transformando a realidade de região castigada pela seca no Ceará O triste cenário já é um velho conhecido por

Leia mais

Segunda-feira, 22 de abril de 2013

Segunda-feira, 22 de abril de 2013 Segunda-feira, 22 de abril de 2013 22/04/2013 07h00 - Atualizado em 22/04/2013 07h00 Empresários dão dicas de como empreender após a aposentadoria Professora aposentada montou empresa de reforma de calçadas.

Leia mais

Scania Serviços. Serviços Scania.

Scania Serviços. Serviços Scania. Serviços Scania Scania Serviços. Serviços Scania. Tudo o que o você precisa para cuidar Tudo bem do o que seu o Scania, você precisa em um para só lugar. cuidar bem do seu Scania, em um só lugar. SERVIÇOS

Leia mais

AÇÕES SOCIAIS, AMBIENTAIS E CULTURAIS

AÇÕES SOCIAIS, AMBIENTAIS E CULTURAIS AÇÕES SOCIAIS, AMBIENTAIS E CULTURAIS Relatório de Atividades 2014 Sumário 1.0 Introdução - Pág 3 2.0 Quem Somos, Estatísticas, Valores - Pág 4 3.0 Projetos 2014 - Pág 5 a 15 3.1 Novo site - Pág 5 a 12

Leia mais

A costa da África pode ser um foco da indústria no futuro próximo;

A costa da África pode ser um foco da indústria no futuro próximo; Fleury Pissaia * Entre 2011 e 2015, investimento previsto no setor industrial é de R$ 600 bilhões. Desse montante, indústria do petróleo representa 62%. No mesmo período, R$ 750 bilhões serão alocados

Leia mais

SAM GERENCIAMENTO DE ATIVOS DE SOFTWARE

SAM GERENCIAMENTO DE ATIVOS DE SOFTWARE SAM GERENCIAMENTO DE ATIVOS DE SOFTWARE Modelo de Otimização de SAM Controle, otimize, cresça Em um mercado internacional em constante mudança, as empresas buscam oportunidades de ganhar vantagem competitiva

Leia mais

Renova Energia Otimiza Gestão de Conhecimento e Projetos com CA Clarity PPM

Renova Energia Otimiza Gestão de Conhecimento e Projetos com CA Clarity PPM CUSTOMER SUCCESS STORY Maio 2014 Renova Energia Otimiza Gestão de Conhecimento e Projetos com CA Clarity PPM PERFIL DO CLIENTE Empresa: Renova Energia Indústria: Energia Funcionários: 182 (2012) Faturamento:

Leia mais

Entrevista coletiva concedida pelo Presidente da República, Luiz Inácio Lula da Silva, no hotel Skt. Petri

Entrevista coletiva concedida pelo Presidente da República, Luiz Inácio Lula da Silva, no hotel Skt. Petri Entrevista coletiva concedida pelo Presidente da República, Luiz Inácio Lula da Silva, no hotel Skt. Petri Copenhague-Dinamarca, 01 de outubro de 2009 Bem, primeiro dizer a vocês da alegria de poder estar

Leia mais

Scup e Política: vitória nas urnas pelas redes sociais

Scup e Política: vitória nas urnas pelas redes sociais Scup e Política: vitória nas urnas pelas redes sociais A campanha do prefeito de Duque de Caxias Alexandre Aguiar Cardoso, natural de Duque de Caxias, cidade da região metropolitana do Rio de Janeiro,

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DE CURITIBA INSTITUTO DE PESQUISA E PLANEJAMENTO URBANO DE CURITIBA

PREFEITURA MUNICIPAL DE CURITIBA INSTITUTO DE PESQUISA E PLANEJAMENTO URBANO DE CURITIBA PREFEITURA MUNICIPAL DE CURITIBA INSTITUTO DE PESQUISA E PLANEJAMENTO URBANO DE CURITIBA OFICINA DE CAPACITAÇÃO PARA O PLANO DIRETOR: REGIONAL BOQUEIRÃO 18/03/2014 CURITIBA MARÇO/2014 Realizações no dia

Leia mais

Realização e Organização. www.vamaislonge.com.br

Realização e Organização. www.vamaislonge.com.br Realização e Organização www.vamaislonge.com.br Quem somos... Leonardo Alvarenga, tenho 23 anos, sou criador do Não Tenho Ideia e do #VáMaisLonge. Sou formado em Educação Física mas larguei tudo logo após

Leia mais

Nesta Edição. Abril de 2013 Ano 4 N o 9

Nesta Edição. Abril de 2013 Ano 4 N o 9 Ano 4 N o 9 Nesta Edição Guia do gerador de orçamento Detalhar os serviços e os preços para seu cliente ficou mais fácil. Saiba como gerar o seu orçamento através do site. Pintor digital O evento que leva

Leia mais

ESTUDO DE CASO SOBRE A APLICAÇÃO DE ESTRUTURAS EM AÇO EM EDIFÍCIO RESIDENCIAL VERTICAL DE MÉDIO PADRÃO EM PRESIDENTE PRUDENTE

ESTUDO DE CASO SOBRE A APLICAÇÃO DE ESTRUTURAS EM AÇO EM EDIFÍCIO RESIDENCIAL VERTICAL DE MÉDIO PADRÃO EM PRESIDENTE PRUDENTE Encontro de Ensino, Pesquisa e Extensão, Presidente Prudente, 22 a 25 de outubro, 2012 221 ESTUDO DE CASO SOBRE A APLICAÇÃO DE ESTRUTURAS EM AÇO EM EDIFÍCIO RESIDENCIAL VERTICAL DE MÉDIO PADRÃO EM PRESIDENTE

Leia mais

Palavras Chave: Segurança, Transporte, Cliente, Modernidade, Agilidade.

Palavras Chave: Segurança, Transporte, Cliente, Modernidade, Agilidade. RESUMO A imagem de uma empresa de transporte é diretamente influenciada pelas condições do meio urbano. As grandes cidades e as regiões metropolitanas são as que mais sofrem com o trânsito, um dos principais

Leia mais

DUAS RODAS DESENVOLVE PORTAL COLABORATIVO E ELIMINA PROCESSOS EM PAPEL. Case de Sucesso

DUAS RODAS DESENVOLVE PORTAL COLABORATIVO E ELIMINA PROCESSOS EM PAPEL. Case de Sucesso DUAS RODAS DESENVOLVE PORTAL COLABORATIVO E ELIMINA PROCESSOS EM PAPEL PERFIL Em 1925, surgiu a primeira fábrica de óleos essenciais do Brasil, em Jaraguá do Sul - SC. A autenticidade, a qualidade de seus

Leia mais

Leia os textos e assinale a alternativa correta: 1) O que Ana quer que Pedro faça?

Leia os textos e assinale a alternativa correta: 1) O que Ana quer que Pedro faça? UNIVERSIDADE DE CAXIAS DO SUL PROGRAMA DE LÍNGUAS ESTRANGEIRAS PLE CERIFICADO INTERNACIONAL DE LÍNGUA PORTUGUESA CILP SIMULADO COMPREENSÃO LEITORA E ASPECTOS LINGUÍSTICOS NÍVEL BÁSICO ESCOLAR A2 Leia os

Leia mais

No ano de 2010, tomei uma decisão. Ir para uma cidade menor, longe da agitada metrópole.

No ano de 2010, tomei uma decisão. Ir para uma cidade menor, longe da agitada metrópole. Faça parte da família IMOVELLOGIA. Olá, Inicialmente quero me apresentar para que possa oferecer a você, profissional do setor de imóveis, uma inovação tecnológica fundamental nos dias de hoje. Sou administrador

Leia mais

RELATÓRIO DE INTERCÂMBIO CRInt ECA. Dados do Intercâmbio

RELATÓRIO DE INTERCÂMBIO CRInt ECA. Dados do Intercâmbio RELATÓRIO DE INTERCÂMBIO CRInt ECA Nome: Juliana Malacarne de Pinho No. USP 7166759 Curso ECA: Jornalismo Dados do Intercâmbio Universidade: Universidade NOVA de Lisboa Curso: Comunicação Social Período:

Leia mais

ESTRUTURAS MISTAS: AÇO - CONCRETO

ESTRUTURAS MISTAS: AÇO - CONCRETO ESTRUTURAS MISTAS: AÇO - CONCRETO INTRODUÇÃO As estruturas mistas podem ser constituídas, de um modo geral, de concreto-madeira, concretoaço ou aço-madeira. Um sistema de ligação entre os dois materiais

Leia mais

Administração de Pessoas por COMPETÊNCIAS

Administração de Pessoas por COMPETÊNCIAS Administração de Pessoas por COMPETÊNCIAS Adm.Walter Lerner 1.Gestão,Competência e Liderança 1.1.Competências de Gestão Competências Humanas e Empresariais são Essenciais Todas as pessoas estão, indistintamente,

Leia mais

2.1. COMPETINDO COM TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO

2.1. COMPETINDO COM TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO 1 2.1. COMPETINDO COM TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO Fundamentos da Vantagem Estratégica ou competitiva Os sistemas de informação devem ser vistos como algo mais do que um conjunto de tecnologias que apoiam

Leia mais

O RH dos sonhos dos CEOs

O RH dos sonhos dos CEOs O RH dos sonhos dos CEOs Expectativas e estratégias da liderança para os Recursos Humanos Presidentes de empresas de todos os portes falaram sobre a importância dos Recursos Humanos para as suas empresas

Leia mais

Oficina de Inclusão Tecnológica

Oficina de Inclusão Tecnológica 1 Oficina de Inclusão Tecnológica Ementa: O curso LinkedIn apresenta, de forma geral, como desenvolver seu networking através desta rede social. Demonstra como fazer parte dela (inscrição), montagem do

Leia mais

ACONTECENDO? O QUE ESTÁ O QUE PODEMOS FAZER?

ACONTECENDO? O QUE ESTÁ O QUE PODEMOS FAZER? O QUE ESTÁ ACONTECENDO? O futuro é uma incógnita. As tendências são preocupantes, mas uma coisa é certa: cada um tem de fazer sua parte. Todos somos responsáveis. A atual forma de relacionamento da humanidade

Leia mais

AT&S Ganha Eficiência e Agilidade de Negócio com Melhor Gestão de TI

AT&S Ganha Eficiência e Agilidade de Negócio com Melhor Gestão de TI CUSTOMER SUCCESS STORY Março 2014 AT&S Ganha Eficiência e Agilidade de Negócio com Melhor Gestão de TI PERFIL DO CLIENTE Indústria: Manufatura Empresa: AT&S Funcionários: 7.500 Faturamento: 542 milhões

Leia mais

2009, um ano de grandes realizações e conquistas

2009, um ano de grandes realizações e conquistas 2009, um ano de grandes realizações e conquistas 2009 foi um ano de grandes realizações e conquistas para o Serviço Social da Indústria (SESI), entidade que integra o Sistema Federação das Indústrias no

Leia mais

Serviços Scania. Serviços Scania. Tudo o que o você precisa para cuidar bem do seu Scania, em um só lugar.

Serviços Scania. Serviços Scania. Tudo o que o você precisa para cuidar bem do seu Scania, em um só lugar. Serviços Scania Serviços Scania. Tudo o que o você precisa para cuidar bem do seu Scania, em um só lugar. SERVIÇOS SCANIA Serviços Scania. Máxima disponibilidade do seu veículo para o melhor desempenho

Leia mais

IDEIA FORÇA. Redução do Tempo de Deslocamento Humano (Mobilidade)

IDEIA FORÇA. Redução do Tempo de Deslocamento Humano (Mobilidade) IDEIA FORÇA Redução do Tempo de Deslocamento Humano (Mobilidade) DETALHAMENTO: Mobilidade humana (trabalhador precisa respeito); Melhorar a qualidade e quantidade de transporte coletivo (Lei da oferta

Leia mais

QUEM SOMOS intercâmbio

QUEM SOMOS intercâmbio Inglaterra Mini Programa HIGH SCHOOL QUEM SOMOS intercâmbio O Number One Intercâmbio possui mais de 15 anos de mercado oferecendo as melhores opções de viagem para você e sua família, seja a lazer, trabalho

Leia mais

Briefing Ciclo do Concreto

Briefing Ciclo do Concreto Briefing Ciclo do Concreto Disclaimer Este documento foi elaborado para orientar os participantes do Desafio do Concreto Camargo Corrêa. Os conteúdos apresentados visam realizar um alinhamento entre os

Leia mais

11 Segredos para a Construção de Riqueza Capítulo II

11 Segredos para a Construção de Riqueza Capítulo II Capítulo II Mark Ford 11 Segredos para a Construção de Riqueza Capítulo Dois Como uma nota de $10 me deixou mais rico do que todos os meus amigos Das centenas de estratégias de construção de riqueza que

Leia mais

CBA. Comércio Internacional PÚBLICO-ALVO COMPLEMENTAÇÃO ACADÊMICA MATERIAL DIDÁTICO. Internacional. Comércio

CBA. Comércio Internacional PÚBLICO-ALVO COMPLEMENTAÇÃO ACADÊMICA MATERIAL DIDÁTICO. Internacional. Comércio CBA Comércio Internacional Comércio Internacional A intensidade das relações comerciais e produtivas das empresas no atual contexto econômico tem exigido das empresas um melhor entendimento da complexidade

Leia mais