Arq. Priscila Castro. BIM Normas ABNT/CCE-134 Modelagem de Informação da Construção Implantação - Aplicação em Obra

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Arq. Priscila Castro. BIM Normas ABNT/CCE-134 Modelagem de Informação da Construção Implantação - Aplicação em Obra"

Transcrição

1 Arq. Priscila Castro BIM Normas ABNT/CCE-134 Modelagem de Informação da Construção Implantação - Aplicação em Obra

2 BIM O que é BIM ABNT/CCE-134 Modelagem de Informação da Construção Referências BIM Implantação BIM Aplicação em Obra Caminho do Conhecimento

3 O que é BIM BIM PROCESSO INTEGRADO

4 O que é BIM O conceito BIM (Building Information Modeling) é um processo integrado, que armazena e agiliza a troca de informações de projetos criando modelo virtual para tomadas de decisão nas diversas fases do empreendimento. BIM é uma representação digital do processo de construção que facilita a troca e a interoperabilidade de informações na forma digital ( Chuck Eastman)

5 O que é BIM Ciclo de Vida Inicio Pré-obra Descarte Identificação de Necessidades Objetivos e Riscos Padrões de Performance e Serviço Estimativa da Demanda Reforma Financiamento/ Modelagem Econômica Descomissionamento Ciclo de Vida de uma Construção ou Instalação Processo de Compra e Contratação Monitoramento Da Performance Construção Desgaste e Manutenção Operação Comissionamento Obra Pós-obra

6 O que é BIM LOD Level of Detail Nível de detalhe do modelo em função dos dados disponíveis, dos objetivos imediatos e do investimento que se pretende realizar. LOD 100 Modelo - Estudo de Massa LOD 200 Modelo para Ante Projeto LOD 300 Modelo para Projeto Executivo LOD 400 Modelo para Construção LOD 500 Modelo para Manutenção Qual é seu objetivo do seu Modelo? Qual é o seu LOD

7 O que é BIM

8 O que é BIM Especificação da Progressão do Modelo (MPS) MPS Model Progression Specification Definição dos diversos Níveis de Detalhe a cada fase do empreendimento, e respectivos responsáveis.

9 O que é BIM Objetos ou Componentes Propriedade de Geométrica 20% Propriedade de informações 80%

10 O que é BIM Um componente como pilar

11 O que é BIM Onde estamos? Onde queremos chegar?

12 O que é BIM

13 O que é BIM

14 ABNT/CEE-134 Modelagem de Informação da Construção ABNT

15 ABNT/CEE-134 Modelagem de Informação da Construção Alguns Países já adotaram ou estão no processo de adotar Normas Nacionais BIM USA National BIM Standards AUS NATSPEC National BIM Guide UK - BS 1192:2007 Rgd BIM Norm - Holanda

16 ABNT/CEE-134 Modelagem de Informação da Construção

17 USA - National BIM Standards USA - National BIM Standards The work of the a National BIM Standards Committee is to knit together the broadest and deepest constituency ever assembled for the purpose of addressing the losses and limitations associated with errors and inefficiencies in the building supply chain. The current NBIMS Charter signatories represent most of the active end-user constituencies as well as many of the professional associations, consortia, and technical and associated services vendors who support them. BIM development, education, implementation, adoption, and understanding are intended to form a continuous process ingrained evermore into the industry. Success, in the form of a new paradigm for the building construction industry, will require that individuals and organizations step up to contribute to and participate in creating and implementing a common BIM standard.

18 AUS - NATSPEC National BIM Guide AUS - NATSPEC National BIM Guide NATSPEC, founded in 1975, is a not-for-profit organization that is owned by the design, build, construct and property industry through professional associations and government property groups. It is impartial and is not involved in advocacy or policy development, with the objective of improving the quality of construction in Australia. NATSPEC believes that digital information, including 3-D Modeling and Building Information Modeling, will provide improved methods of design, construction and communication for the industry. The National BIM Guide is to assist clients, consultants and stakeholders to clarify their BIM requirements in a nationally consistent manner. This will reduce confusion and duplication of effort.

19 UK - BS 1192:2007 UK - BS 1192:2007 BS 1192:2007, Collaborative production of architectural, engineering and construction information Code of Practice was published to provide a standard and best-practice method for the development, organization and management of production information for construction industry. A standard is required, so that all offices, teams or teams members can produce information to the same form and quality enabling it to be used and reused without change or interpretation. ( ) the information prepared by designers that is passed a construction team to be enable a project to be constructed ( ). Production information is the output of the design team and specification contractors, ( ) by drawings, specifications and bills of quantity or schedules of work. ( ) Unless this information is complete, accurate, well structured and coordinated, it will not be effective and no matter how good designs it will not be satisfactorily realized on site. Poor production information causes delays, extra costs and poor quality, which in turn give rise to disputes over who is responsible for the problems. Normas relacionadas: BS ISO :2010 Building information modelling. Information delivery manual. Methodology and format BS :2011 Library objects for architecture, engineering and construction. Recommended 2D symbols of building elements for use in building information modeling.

20 Rgd BIM Norm - Holanda Rgd BIM Norm - Holanda Government service administrations RGD & RWS The Government Buildings Agency (RGD) Intent: all major project to use IFC By November 1st, 2011 RGD mandates IFC for DBFMO & DBM Ambition to extend/improve At delivery of the building the BIM and related files must be permanently updated and permanently within reach of the end-users. RGD will set requirements for the IT environment enabling this. April 19, 2012 Dick Schmidt Building Information Modeling 23

21 Rgd BIM Norm - Holanda Rgd BIM Norm - Holanda

22 ABNT/CEE-134 Modelagem de Informação da Construção ABNT/CEE-134 Modelagem de Informação da Construção - BRASIL Escopo 1.1 Esta Norma define a terminologia, os princípios do sistema de classificação e os grupos de classificação para o planejamento, projeto, gerenciamento, obra, operação e manutenção de empreendimentos da construção civil. 1.2 Esta Norma deve ser observada na elaboração de outras normas que porventura venham a reger e aplicar conceitos pertinentes à Modelagem da Informação da Construção. 1.3 Esta Norma apresenta uma proposta de sistema de classificação que indica tabelas que, seguindo um padrão de referência de classes e princípios de especialização, ordenam e operacionalizam o referido sistema)

23 ABNT/CEE-134 Modelagem de Informação da Construção ABNT/CEE-134 Modelagem de Informação da Construção A ABNT NBR XXXXX, sob o título geral Sistema de classificação da informação da construção, tem previsão de conter as seguintes partes: Parte 1: Terminologia e classificação; Parte 2: Características dos objetos da construção (Tabelas 0M e 0P); Parte 3: Processos da construção (Tabelas 1F, 1S e 1D); Parte 4: Recursos da construção (Tabelas 2N, 2Q e 2C); Parte 5: Resultados da construção (Tabelas 3E e 3R); Parte 6: Unidades da construção (Tabelas 4U e 4A); Parte 7: Informação da construção (Tabela 5I)

24 ABNT/CEE-134 Modelagem de Informação da Construção ABNT/CEE-134 Modelagem de Informação da Construção

25 ABNT/CEE-134 Modelagem de Informação da Construção ABNT/CEE-134 Modelagem de Informação da Construção

26 ABNT/CEE-134 Modelagem de Informação da Construção ABNT/CEE-134 Modelagem de Informação da Construção

27 ABNT/CEE-134 Modelagem de Informação da Construção ABNT/CEE-134 Modelagem de Informação da Construção Participante ABCIC ABECE ABRAMAT ADDOR ASSOCIADOS ANAMACO ASBEA SP AUTODESK AUTÔNOMA BEA ARQUITETURA CONTIER ARQUITETURA DWG EVEN CONSTRUTORA MDIC MÉTODO ENGENHARIA PINI SECOVI SP SINDUSCON SP UNIVERSIDADE FEDERAL FLUMINENSE UNIVERSIDADE FEDERAL DE SÃO CARLOS UNIVERSIDADE FEDERAL DE VIÇOSA UNIVERSIDADE ESTADUAL DE CAMPINAS UNIVERSIDADE MACKENZIE UNIVERSIDADE SÃO JUDAS TADEU UNIVERSIDADE DE SÃO PAULO Representante Carlos Franco Suely Bacchereti Bueno Laura Marcellini Camila O. Camille Rubens Morel N. Reis Miriam Addor Ricardo Bianca de Mello Beatriz G. B. Royzen Miguel G. Fabregues Miriam Castanho Rita Cristina Ferreira Thatiana Moratti Marcos Otávio B. Prates Joyce Delatorre Priscila Castro Wilton S. Castelani Ronaldo Sá Fernando Correa (Coordenador) Sergio R. Leusin de Amorim Maria Ariedenise M. Fontenelle Kleos M. Lenz Cesar Jr Regina C. Ruschel Eduardo Sampaio Nardelli Luiz Augusto Contier Eduardo Toledo Santos Rodolfo Jambas Guilherme Sergio Leal Ferreira

28 ABNT/CEE-134 Modelagem de Informação da Construção ABNT/CEE-134 Modelagem de Informação da Construção

29 Referências para Implantação BIM

30 BIM Handbook CHUCK EASTMAN PAUL TEICHOLZ RAFAEL SACKS KATHLEEN LISTON

31 BIM Handbook CHUCK EASTMAN PAUL TEICHOLZ RAFAEL SACKS KATHLEEN LISTON

32 BIM Handbook CHUCK EASTMAN PAUL TEICHOLZ RAFAEL SACKS KATHLEEN LISTON

33 BIM Handbook CHUCK EASTMAN PAUL TEICHOLZ RAFAEL SACKS KATHLEEN LISTON

34 BIM Handbook CHUCK EASTMAN PAUL TEICHOLZ RAFAEL SACKS KATHLEEN LISTON

35 Project Execution Planning Guide The Pennsylvania State University Building Information Modeling Project Execution Planning BIM Organizational Strategic Planning to assess existing organizational conditions, align BIM goals and vision, and develop a transition plan to implement BIM; BIM Organizational Execution Planning to plan the detailed implementation within the operations of the organization; BIM Project Procurement Planning to identify key contractual issues to consider when creating contract requirements and a standard BIM Project Execution Plan template; and BIM Project Execution Planning (in BIM Project Execution Planning Guide) for project teams to maximize the value of BIM on a facility construction project (see the BIM Project Execution Planning Guide for additional details).

36 Project Execution Planning Guide The Pennsylvania State University Building Information Modeling Project Execution Planning

37 Project Execution Planning Guide The Pennsylvania State University Building Information Modeling Project Execution Planning

38 Project Execution Planning Guide The Pennsylvania State University Building Information Modeling Project Execution Planning

39 Project Execution Planning Guide The Pennsylvania State University Building Information Modeling Project Execution Planning

40 Project Execution Planning Guide The Pennsylvania State University Building Information Modeling Project Execution Planning

41 Como Contratar processo BIM AIA THE AMERICAN INSTITUTE OF ARCHITECTS CONTRATOS E202

42 Linguagem de Interoperabilidade IFC Classificação da Informação

43 IFC

44 O esforço tem que ser mutuo COLABORAÇÃO

45 Implantação BIM Nossa historia na SINCO ENGENHARIA

46 .

47 » Projeto Ed. Capri Implantação Projeto Ed. Capri Área Aprox.: m2 Integração BIM Disciplinas: Arquitetura Estrutura Fundação Instalações

48 Implantação» Projeto Ed. Capri

49 » Projeto Ed. Capri Implantação Estrutura 3D

50 » Projeto Ed. Capri Implantação Estrutura 3D Fundação

51 » Projeto Ed. Capri Implantação Estrutura 3D Fundação Coordenação 3D

52 » Projeto Ed. Capri Implantação Estrutura 3D Fundação Coordenação 3D 4D Planejamento Com modelo

53 » Projeto Ed. Capri Implantação Estrutura 3D Fundação Tabela de Quantidades (QTO) Coordenação 3D 4D Planejamento Com modelo

54 » Projeto Ed. Capri Implantação 6D-BIM para Manutenção Predial Estrutura 3D Fundação Tabela de Quantidades (QTO) Coordenação 3D 4D Planejamento Com modelo

55 Implantação 6D - Futuro Arquitetura - ArchiCAD Estrutura TQS QTO - Solibri Fundação - ArchiCAD MEP - REVIT MEP Planejamento ao longo do tempo 4D - Synchro

56 Implantação» Projeto Ed. Capri QTO Estrutura

57 Implantação» Projeto Ed. Capri QTO por Elementos

58 Implantação» Projeto Ed. Capri Validação do Modelo

59 Implantação» Projeto Ed. Capri Relatório Solibri

60 Implantação» Projeto Ed. Capri Coordenação 3D

61

62 Implantação» Projeto Ed. West Tower» Área Aprox.: m2» Integração BIM Disciplinas: Arquitetura Estrutura Fundação Instalações

63 Implantação» Projeto Ed. West Tower» Apresentação dos setores de concretagem:» Setor C

64 Implantação» Projeto Ed. West Tower» Apresentação dos setores de concretagem:» Setor B

65 Implantação» Projeto Ed. West Tower» Apresentação dos setores de concretagem:» Setor A

66 Implantação» Projeto Ed. West Tower

67 Implantação» Projeto Ed. West Tower

68 Implantação» Projeto Ed. West Tower

69 Implantação 4D» Projeto Ed. West Tower

70 ? Perguntas e Respostas OBRIGADO!

Teste de assertividade da biblioteca de componentes BIM do MDIC Ministério do Desenvolvimento, Indústria e Comércio do Brasil.

Teste de assertividade da biblioteca de componentes BIM do MDIC Ministério do Desenvolvimento, Indústria e Comércio do Brasil. Teste de assertividade da biblioteca de componentes BIM do MDIC Ministério do Desenvolvimento, Indústria e Comércio do Brasil. Assertiveness check of the BIM library components of MDIC - Ministry of Development,

Leia mais

Agenda 14:30 Abertura de Sessão - Enquadramento 15:00 Resumo do estado da arte BIM a nível internacional 15:30 O BIM na Mota-Engil Engenharia 16:30 O

Agenda 14:30 Abertura de Sessão - Enquadramento 15:00 Resumo do estado da arte BIM a nível internacional 15:30 O BIM na Mota-Engil Engenharia 16:30 O Agenda 14:30 Abertura de Sessão - Enquadramento 15:00 Resumo do estado da arte BIM a nível internacional 15:30 O BIM na Mota-Engil Engenharia 16:30 O BIMFórum Portugal - a união de Vontades 17:00 Discussão

Leia mais

www.espacotempo.com.br quarta-feira, 25 de setembro de 13

www.espacotempo.com.br quarta-feira, 25 de setembro de 13 www.espacotempo.com.br 1 PALESTRA EARQ 2013 Goiânia, 10 de Setembro de 2013 FERNANDO DAHER ALVARENGA Arquiteto e Urbanista Diretor e proprietário da Espaço Tempo www.espacotempo.com.br www.fernandodaher.com

Leia mais

Implementation of BIM (Building Information Modeling) in the Brazilian Real Estate Market. Eng. Fernando Correa Diretor da Sinco Engenharia

Implementation of BIM (Building Information Modeling) in the Brazilian Real Estate Market. Eng. Fernando Correa Diretor da Sinco Engenharia Implementation of BIM (Building Information Modeling) in the Brazilian Real Estate Market Eng. Fernando Correa Diretor da Sinco Engenharia 27 Anos no mercado da construção Civil Área de atuação: Incorporação

Leia mais

GESTÃO DO NÍVEL DE DETALHAMENTO DA INFORMAÇÃO EM UM MODELO BIM: ANÁLISE DE UM ESTUDO CASO 1

GESTÃO DO NÍVEL DE DETALHAMENTO DA INFORMAÇÃO EM UM MODELO BIM: ANÁLISE DE UM ESTUDO CASO 1 GESTÃO DO NÍVEL DE DETALHAMENTO DA INFORMAÇÃO EM UM MODELO BIM: ANÁLISE DE UM ESTUDO CASO 1 LEVEL OF DEVELOPMENT MANAGEMENT IN A BIM MODEL: ANALYSIS OF A CASE STUDY Joyce Paula Martin Delatorre Universidade

Leia mais

AVALIAÇÃO DO PROCESSO DE MODELAGEM DA EDIFICAÇÃO E DO CANTEIRO DE OBRAS NO DESENVOLVIMENTO DE PROJETOS 4D

AVALIAÇÃO DO PROCESSO DE MODELAGEM DA EDIFICAÇÃO E DO CANTEIRO DE OBRAS NO DESENVOLVIMENTO DE PROJETOS 4D AVALIAÇÃO DO PROCESSO DE MODELAGEM DA EDIFICAÇÃO E DO CANTEIRO DE OBRAS NO DESENVOLVIMENTO DE PROJETOS 4D Emerson de Andrade Marques Ferreira (1) ; Flávia Dantas de Matos (2) ; Marina da Silva Garcia (3)

Leia mais

BIM na prática: Como uma empresa construtora pode fazer uso da tecnologia BIM

BIM na prática: Como uma empresa construtora pode fazer uso da tecnologia BIM BIM na prática: Como uma empresa construtora pode fazer uso da tecnologia BIM Joyce Delatorre Método Engenharia O uso da Tecnologia BIM promete trazer ganhos em todas as etapas no ciclo de vida de um empreendimento.

Leia mais

DESENVOLVIMENTO DE OBJETOS BIM E OS DESAFIOS

DESENVOLVIMENTO DE OBJETOS BIM E OS DESAFIOS DESENVOLVIMENTO DE OBJETOS BIM E OS DESAFIOS BIM Modelagem da Informação da Construção Building Information Modeling BIM Modelo Model BIM Processo Modeling BIM Gerenciamento Management Significado de construir

Leia mais

Virtualização da Construção em Fase Orçamentária Construction Virtualization in Budget Phase

Virtualização da Construção em Fase Orçamentária Construction Virtualization in Budget Phase Virtualização da Construção em Fase Orçamentária Construction Virtualization in Budget Phase Morgana Braga Universidade de Brasília Obras Militares do Exército Brasileiro, Brasil morganabraga@yahoo.com.br

Leia mais

Desenvolvimento e coordenação de projetos com e sem BIM

Desenvolvimento e coordenação de projetos com e sem BIM Desenvolvimento e coordenação de projetos com e sem BIM Arq. Miriam Addor 28-10-10 HISTÓRICO DA EMPRESA Fundação: dez/1993 Composição Societária Mercados : Brasil ( SP/ RJ/ RS/ PE/ BA/ MA/) Sp( 2 escritorios)

Leia mais

IMPLEMENTAÇÃO DE BIM: COMPARAÇÃO ENTRE AS DIRETRIZES EXISTENTES NA LITERATURA E UM CASO REAL

IMPLEMENTAÇÃO DE BIM: COMPARAÇÃO ENTRE AS DIRETRIZES EXISTENTES NA LITERATURA E UM CASO REAL IMPLEMENTAÇÃO DE BIM: COMPARAÇÃO ENTRE AS DIRETRIZES EXISTENTES NA LITERATURA E UM CASO REAL CHAVES, Fernanda Justin (1); TZORTZOPOULOS, Patrícia (2); FORMOSO, Carlos Torres (3); SOMMER, Lucila (4) (1)

Leia mais

IMPLANTAÇÃO DO PROCESSO BIM NA CONSTRUTORA. Eng.Fernando Augusto Correa da Silva

IMPLANTAÇÃO DO PROCESSO BIM NA CONSTRUTORA. Eng.Fernando Augusto Correa da Silva IMPLANTAÇÃO DO PROCESSO BIM NA CONSTRUTORA Eng.Fernando Augusto Correa da Silva BIM SINCO IMPLANTAÇÃO BIM CASOS DE SUCESSO SINCO ENGENHARIA 27 Anos no mercado da construção Civil Área de atuação: Incorporação

Leia mais

Eduardo Sampaio Nardelli Universidade Presbiteriana Mackenzie, Brasil nardelli@mackenzie.br

Eduardo Sampaio Nardelli Universidade Presbiteriana Mackenzie, Brasil nardelli@mackenzie.br Teste de assertividade da biblioteca de componentes BIM do MDIC Ministério do Desenvolvimento, Indústria e Comércio do Brasil Assertiveness check of the BIM library components of MDIC - Ministry of Development,

Leia mais

BIM BUILDING INFORMATION MODELLING UMA TECNOLOGIA PARA O FUTURO IMEDIATO DA CONSTRUÇÃO

BIM BUILDING INFORMATION MODELLING UMA TECNOLOGIA PARA O FUTURO IMEDIATO DA CONSTRUÇÃO BIM BUILDING INFORMATION MODELLING UMA TECNOLOGIA PARA O FUTURO IMEDIATO DA CONSTRUÇÃO PROGRAMA DO EVENTO 13 :30 13:45 Abertura - Dr. Antonio Carlos, diretor SINDUSCON RIO 13:45 14:30 Introdução ao BIM:

Leia mais

Colocando o "i" no BIM

Colocando o i no BIM Colocando o "i" no BIM Miriam Roux A. Addor*, Miriam Dardes de Almeida Castanho**, Henrique Cambiaghi***, Joyce Paula Martin Delatorre****, Eduardo Sampaio Nardelli*****, André Lompreta de Oliveira******

Leia mais

3 - BIM. 3.1 Histórico

3 - BIM. 3.1 Histórico 3 - BIM 3.1 Histórico O modelamento de geometrias 3D foi objeto de extensiva pesquisa devido a sua ampla aplicação não só na Arquitetura, no Design e na Engenharia, mas também no desenvolvimento de jogos

Leia mais

11/05/2015. Quem somos. Clientes BIM MERCADO & IMPLANTAÇÃO. Rogerio Suzuki Consultor BIM/4D/FM. O que oferecemos

11/05/2015. Quem somos. Clientes BIM MERCADO & IMPLANTAÇÃO. Rogerio Suzuki Consultor BIM/4D/FM. O que oferecemos O que oferecemos 11/05/2015 BIM MERCADO & IMPLANTAÇÃO Rogerio Suzuki Consultor BIM/4D/FM Quem somos Clientes 1 2 3 Agenda 1. Introdução 2. O que é BIM? 3. Por que BIM? 4. O que ganho com BIM? 5. BIM &

Leia mais

Online Collaborative Learning Design

Online Collaborative Learning Design "Online Collaborative Learning Design" Course to be offered by Charlotte N. Lani Gunawardena, Ph.D. Regents Professor University of New Mexico, Albuquerque, New Mexico, USA July 7- August 14, 2014 Course

Leia mais

7. Referências. AUTODESK. Metric Getting Started Guide. Robot Structural Analysis 2011. Autodesk, 2010.

7. Referências. AUTODESK. Metric Getting Started Guide. Robot Structural Analysis 2011. Autodesk, 2010. 7. Referências ANDRADE, M., RUSCHEL, R.. INTEROPERABILIDADE DE APLICATIVOS BIM USADOS EM ARQUITETURA POR MEIO DO FORMATO IFC. Gestão & Tecnologia de Projetos, Vol. 4, No. 2, p. 76-111, São Carlos, 2010.

Leia mais

DIAGNÓSTICO DA GESTÃO DOS PROCESSOS DE PROJETOS DE ARQUITETURA E ENGENHARIA: ESTUDO DE CASO EM EMPRESAS DE SÃO CARLOS-SP

DIAGNÓSTICO DA GESTÃO DOS PROCESSOS DE PROJETOS DE ARQUITETURA E ENGENHARIA: ESTUDO DE CASO EM EMPRESAS DE SÃO CARLOS-SP DIAGNÓSTICO DA GESTÃO DOS PROCESSOS DE PROJETOS DE ARQUITETURA E ENGENHARIA: ESTUDO DE CASO EM EMPRESAS DE SÃO CARLOS-SP Raquel Ragonesi Permonian (UFSCAR) raquelrpermonian@hotmail.com Jose da Costa Marques

Leia mais

Digital Cartographic Generalization for Database of Cadastral Maps

Digital Cartographic Generalization for Database of Cadastral Maps Mariane Alves Dal Santo marianedalsanto@udesc.br Francisco Henrique de Oliveira chicoliver@yahoo.com.br Carlos Loch cloch@ecv.ufsc.br Laboratório de Geoprocessamento GeoLab Universidade do Estado de Santa

Leia mais

Gestão de Projectos Normalização

Gestão de Projectos Normalização Gestão de Projectos 10 razões para o uso de Normas 1. Melhora os Produtos e Serviços 2. Atrai Novos Clientes 3. Aumenta a Competitividade 4. Sugere Mais Confiança ao Negócio 5. Diminui os Erros 6. Reduz

Leia mais

INTRODUÇÃO AO BIM MIRIAM ADDOR

INTRODUÇÃO AO BIM MIRIAM ADDOR INTRODUÇÃO AO BIM MIRIAM ADDOR Definições Conceitos de BIM Curso CMU ago/08 IFC Penn State Carnegie Mellon University 1905-1912 PITTSBURGH- PA- aço Fallingwater FLW 3 LEED building B = BUILDING I= INFORMATION

Leia mais

BIM e Desempenho no Programa Minha Casa Minha Vida - PMCMV BIM and Performance in the Brazilian Dwelling Program My Home My Life

BIM e Desempenho no Programa Minha Casa Minha Vida - PMCMV BIM and Performance in the Brazilian Dwelling Program My Home My Life Blucher Design Proceedings Dezembro de 2014, Volume 1, Número 7 www.proceedings.blucher.com.br/evento/sigradi2013 BIM e Desempenho no Programa Minha Casa Minha Vida - PMCMV BIM and Performance in the Brazilian

Leia mais

AVALIAÇÃO DE FERRAMENTAS BIM PARA ELABORAÇÃO DE PROJETOS EXECUTIVOS DE ARQUITETURA 1

AVALIAÇÃO DE FERRAMENTAS BIM PARA ELABORAÇÃO DE PROJETOS EXECUTIVOS DE ARQUITETURA 1 AVALIAÇÃO DE FERRAMENTAS BIM PARA ELABORAÇÃO DE PROJETOS EXECUTIVOS DE ARQUITETURA 1 BIM TOOLS EVALUATION FOR EXECUTIVE ARCHITECTURAL DESIGNS Ari Monteiro Dharma Sistemas, SP ari_mont@yahoo.com.br Karina

Leia mais

BENEFÍCIOS E DESAFIOS DA UTILIZAÇÃO DO BIM PARA EXTRAÇÃO DE QUANTITATIVOS

BENEFÍCIOS E DESAFIOS DA UTILIZAÇÃO DO BIM PARA EXTRAÇÃO DE QUANTITATIVOS BENEFÍCIOS E DESAFIOS DA UTILIZAÇÃO DO BIM PARA EXTRAÇÃO DE QUANTITATIVOS MELHADO, Silvio (1); PINTO, Ana Carolina (2) (1) USP, (11) 3091-5164, e-mail: silvio.melhado@usp.br, (2) USP, e-mail: anacarolbcp@gmail.com

Leia mais

Eng. Paulo Sanchez Diretor da Sinco Engenharia Ltda. Caso Sinco na Implantação do BIM

Eng. Paulo Sanchez Diretor da Sinco Engenharia Ltda. Caso Sinco na Implantação do BIM Eng. Paulo Sanchez Diretor da Sinco Engenharia Ltda. Caso Sinco na Implantação do BIM BIM SINCO IMPLANTAÇÃO BIM CASOS DE SUCESSO SINCO BIM PROCESSO INTEGRADO Sinco Empresa 26 Anos no mercado da construção

Leia mais

Experiência do uso de REVIT em Projeto de Estrutura

Experiência do uso de REVIT em Projeto de Estrutura REVIT em Projeto de Estrutura Angelo Ricardo Rech REFE engenharia Descrição do processo de implantação e treinamento no uso do Revit Structure, e relato das vantagens alcançadas no uso diário profissional.

Leia mais

SEGURANÇA DA INFORMAÇÃO

SEGURANÇA DA INFORMAÇÃO SEGURANÇA DA INFORMAÇÃO NBR ISO/IEC 27002: 2005 (antiga NBR ISO/IEC 17799) NBR ISO/IEC 27002:2005 (Antiga NBR ISO/IEC 17799); 27002:2013. Metodologias e Melhores Práticas em SI CobiT; Prof. Me. Marcel

Leia mais

A ESTRUTURA DA EMPRESA DE PROJETO E O PROCESSO DE PROJETO DE EDIFICAÇÕES SUSTENTAVÉIS

A ESTRUTURA DA EMPRESA DE PROJETO E O PROCESSO DE PROJETO DE EDIFICAÇÕES SUSTENTAVÉIS A ESTRUTURA DA EMPRESA DE PROJETO E O PROCESSO DE PROJETO DE EDIFICAÇÕES SUSTENTAVÉIS DE PAULA, Nathália (1); SILVA, Vanessa G. (2); MELHADO, Silvio B. (3) (1) Escola Politécnica da USP, (11) 3091-5164,

Leia mais

QUEM SOMOS WHO WE ARE

QUEM SOMOS WHO WE ARE QUEM SOMOS A 5PM Consulting é uma empresa de consultoria que atua nos segmentos industrial, construção civil e obras de infraestrutura, fornecendo planejamento, gerenciamento e Follow Up dos empreendimentos.

Leia mais

ESTUDO DE VIABILIDADE DO USO DE BIM PARA MENSURAR IMPACTOS AMBIENTAIS DE EDIFICAÇÕES POR ENERGIA INCORPORADA E CO 2 INCORPORADO

ESTUDO DE VIABILIDADE DO USO DE BIM PARA MENSURAR IMPACTOS AMBIENTAIS DE EDIFICAÇÕES POR ENERGIA INCORPORADA E CO 2 INCORPORADO ESTUDO DE VIABILIDADE DO USO DE BIM PARA MENSURAR IMPACTOS AMBIENTAIS DE EDIFICAÇÕES POR ENERGIA INCORPORADA E CO 2 INCORPORADO Helena Fernanda Graf (1) ; Micheline Helen Cot Marcos (2) ; Sergio Fernando

Leia mais

Analysis, development and monitoring of business processes in Corporate environment

Analysis, development and monitoring of business processes in Corporate environment Analysis, development and monitoring of business processes in Corporate environment SAFIRA is an IT consulting boutique known for transforming the way organizations do business, or fulfil their missions,

Leia mais

Sector das TI s em Portugal e Projectos de

Sector das TI s em Portugal e Projectos de Sector das TI s em Portugal e Projectos de Financiamento Seminário Modelos de Gestão em Tecnologias de Informação: Gestão de Serviços, da Segurança e da Inovação 18 Nov 2010 Escola de Engenharia da Universidade

Leia mais

IT Governance e ISO/IEC 20000. Susana Velez

IT Governance e ISO/IEC 20000. Susana Velez IT Governance e ISO/IEC 20000 Susana Velez Desafios de TI Manter TI disponível Entregar valor aos clientes Gerir os custos de TI Gerir a complexidade Alinhar TI com o negócio Garantir conformidade com

Leia mais

Information technology specialist (systems integration) Especialista em tecnologia da informação (integração de sistemas)

Information technology specialist (systems integration) Especialista em tecnologia da informação (integração de sistemas) Information technology specialist (systems integration) Especialista em tecnologia da informação (integração de sistemas) Professional activities/tasks Design and produce complex ICT systems by integrating

Leia mais

design para a inovação social

design para a inovação social design para a inovação social mestrado em design - 15 16 universidade de aveiro gonçalo gomes março de 2016 s.1 ergonomia ergonomia > definição Ergonomia A ergonomia (do grego "ergon": trabalho; e "nomos":

Leia mais

BIM: Fundamentos básicos e processo de implantação. Apresentador: Sergio Leusin, Arqtº, D.Sc.

BIM: Fundamentos básicos e processo de implantação. Apresentador: Sergio Leusin, Arqtº, D.Sc. BIM: Fundamentos básicos e processo de implantação Apresentador: Sergio Leusin, Arqtº, D.Sc. A GDP, Gerenciamento e Desenvolvimento de Projetos Ltdª, nasceu da convicção de que o projeto deve ser o protagonista

Leia mais

Atualização do Processo BIM na Construção Brasileira. Alexandre Fitzner do Nascimento CIO-CTO DOM/EB

Atualização do Processo BIM na Construção Brasileira. Alexandre Fitzner do Nascimento CIO-CTO DOM/EB Alexandre Fitzner do Nascimento CIO-CTO DOM/EB Apresentação Principais Utilizações do BIM Iniciativas Governamentais Mercados Crescentes Setor imobiliário Setor AEC Produtos e Serviços de TI Desafios Principais

Leia mais

XIV ENTAC - Encontro Nacional de Tecnologia do Ambiente Construído - 29 a 31 Outubro 2012 - Juiz de Fora

XIV ENTAC - Encontro Nacional de Tecnologia do Ambiente Construído - 29 a 31 Outubro 2012 - Juiz de Fora ABORDAGEM PARA INTRODUÇÃO DO CONCEITO BIM EM EMPRESAS INCORPORADORAS E CONSTRUTORAS BRASILEIRAS: ANÁLISE CRÍTICA SOBRE AS POSTURAS ESTRATÉGICAS, TÁTICA E OPERACIONAL Flavia R. de Souza (1) ; Maricy Hisamoto

Leia mais

BIM - Conceitos e Aplicações!

BIM - Conceitos e Aplicações! BIM - Conceitos e Aplicações! Introdução Como Projetávamos no Passado? Quais eram as Ferramentas Utilizadas? Introdução Resultados! Introdução Avanço da Tecnologia Surgimento das Ferramentas CAD CAD -

Leia mais

INOVAÇÃO EM FACILITIES TRANSFORMANDO O AMBIENTE EM RESULTADOS

INOVAÇÃO EM FACILITIES TRANSFORMANDO O AMBIENTE EM RESULTADOS INOVAÇÃO EM FACILITIES TRANSFORMANDO O AMBIENTE EM RESULTADOS Idealizada em 2012 visando evoluir no campo de Gestão e Tecnologia da Informação na área de Sistemas Prediais. Visão A INPrediais visa ser

Leia mais

Desenvolvimento Ágil com XP e Scrum. Guilherme Chapiewski guilherme.chapiewski@gmail.com http://gc.blog.br

Desenvolvimento Ágil com XP e Scrum. Guilherme Chapiewski guilherme.chapiewski@gmail.com http://gc.blog.br Desenvolvimento Ágil com XP e Scrum Guilherme Chapiewski guilherme.chapiewski@gmail.com http://gc.blog.br WTF?!? Porque ágil? Quem usa isso? Google Yahoo! Electronic Arts Lockheed Martin Phillips Siemens

Leia mais

Normalização e interoperabilidade da informação geográfica

Normalização e interoperabilidade da informação geográfica Normalização e interoperabilidade da informação geográfica perspetivas para a formação em Engenharia Geográfica João Catalão Departamento de Engenharia Geográfica, Geofísica e Energia Faculdade de Ciências

Leia mais

Resumo. 1. Introdução. Abstract. 2. Motivação

Resumo. 1. Introdução. Abstract. 2. Motivação Um Estudo para a Definição de Processos das Gerências da Qualidade e da Configuração em um Ambiente Integrado para Apoio ao Desenvolvimento e Gestão de Projetos de Software Abdala, Martha A. D.; Lahoz,

Leia mais

Salud Brasil SECRETARIA DE VIGILÂNCIA EM SAÚDE

Salud Brasil SECRETARIA DE VIGILÂNCIA EM SAÚDE Salud Brasil SECRETARIA DE VIGILÂNCIA EM SAÚDE IV EXPOEPI International Perspectives on Air Quality: Risk Management Principles for Oficina de Trabalho: Os Desafios e Perspectivas da Vigilância Ambiental

Leia mais

Gerenciamento de projetos SMART GRID

Gerenciamento de projetos SMART GRID Gerenciamento de projetos SMART GRID OBJETIVO Em razão da (o): Grandiosidade e complexidade dos projetos SMART GRID Contexto econômico local e global vs. QUALIDADE dos serviços públicos. p Exigências de

Leia mais

User interface evaluation experiences: A brief comparison between usability and communicability testing

User interface evaluation experiences: A brief comparison between usability and communicability testing User interface evaluation experiences: A brief comparison between usability and communicability testing Kern, Bryan; B.S.; The State University of New York at Oswego kern@oswego.edu Tavares, Tatiana; PhD;

Leia mais

4 - A TI. É um termo conveniente para incluir a tecnologia de computadores e telecomunicações na mesma palavra.

4 - A TI. É um termo conveniente para incluir a tecnologia de computadores e telecomunicações na mesma palavra. 4 - A TI Tecnologia da Informação (IT - Information Technology) - É o termo que engloba toda tecnologia utilizada para criar, armazenar, trocar e usar informação em seus diversos formatos (dados corporativos,

Leia mais

PROCESSO DE IMPLANTAÇÃO DO BIM EM UMA CONSTRUTORA DE PEQUENO PORTE

PROCESSO DE IMPLANTAÇÃO DO BIM EM UMA CONSTRUTORA DE PEQUENO PORTE PROCESSO DE IMPLANTAÇÃO DO BIM EM UMA CONSTRUTORA DE PEQUENO PORTE Paula Pontes Mota (1) ; José de Paula Barros Neto (2) (1) Construtora Pauta Engenharia, email: paula@pauta.eng.br (2) UFC, e-mail: jpbarros@ufc.br

Leia mais

SWEBOK. Guide to the Software Engineering Body Of Knowledge. Teresa Maciel tmmaciel@gmail.com DEINFO/UFRPE

SWEBOK. Guide to the Software Engineering Body Of Knowledge. Teresa Maciel tmmaciel@gmail.com DEINFO/UFRPE SWEBOK Guide to the Engineering Body Of Knowledge Teresa Maciel tmmaciel@gmail.com DEINFO/UFRPE 1 Iniciativa do IEEE (Institute of Electrical and Electronics Engineers) Computer Society. (www.ieee.org)

Leia mais

Glossário BiSL. Bert Pranger / Michelle Hofland 28 Maio 2012 Versão 1.0-1 -

Glossário BiSL. Bert Pranger / Michelle Hofland 28 Maio 2012 Versão 1.0-1 - Glossário BiSL Bert Pranger / Michelle Hofland 28 Maio 2012 Versão 1.0-1 - 1. Glossário de Terminologia Terminologia em Inglês Terminologia em Português BiSL processes Processos de BiSL Business data management

Leia mais

STRATEGY FOR THE DIFFUSION OF BUILDING INFORMATION MODELLING IN BRAZIL

STRATEGY FOR THE DIFFUSION OF BUILDING INFORMATION MODELLING IN BRAZIL STRATEGY FOR THE DIFFUSION OF BUILDING INFORMATION MODELLING IN BRAZIL Experiences Exchange in BIM - Building Information Modelling Apoio aos Diálogos Setoriais UE-Brasil, Fase II Dr. Mohamad Kassem, PhD

Leia mais

Agenda. Gafisa S.A. Planejamento Estratégico. Novas Idéias: BIM + Padronização. BIM: Primeiros Desafios. BIM: Implementação e Diretrizes

Agenda. Gafisa S.A. Planejamento Estratégico. Novas Idéias: BIM + Padronização. BIM: Primeiros Desafios. BIM: Implementação e Diretrizes Agenda Gafisa S.A. Planejamento Estratégico Novas Idéias: BIM + Padronização BIM: Primeiros Desafios BIM: Implementação e Diretrizes 2 Gafisa S.A. Uma das empresas líderes do mercado de incorporação e

Leia mais

ISO 9001:2015 e ISO 14001:2015 versão DIS Principais alterações

ISO 9001:2015 e ISO 14001:2015 versão DIS Principais alterações ISO 9001:2015 e ISO 14001:2015 versão DIS Principais alterações Raquel Silva 02 Outubro 2014 ISO 9001:2015 e ISO 14001:2015 ISO 9001:2015 e ISO 14001:2015 PUBLICAÇÃO DIS: - Draft International Standard

Leia mais

COMPREENDENDO BUILDING INFORMATION MODELING

COMPREENDENDO BUILDING INFORMATION MODELING Regina C. Ruschel 2ª Semana de Tecnologia da Construção Associação de Engenharia Arquitetura e Agronomia de Ribeirão Preto AEAARB COMPREENDENDO BUILDING INFORMATION MODELING Engenheira Civil Doutorado

Leia mais

Universidade do Minho. Escola de Engenharia. UC transversais Programas Doutorais 1º semestre 2012-13. 11 de outubro 2012

Universidade do Minho. Escola de Engenharia. UC transversais Programas Doutorais 1º semestre 2012-13. 11 de outubro 2012 Universidade do Minho Escola de Engenharia UC transversais Programas Doutorais 1º semestre 2012-13 11 de outubro 2012 1 2 2 courses offered in the first semestre: Métodos de Investigação em Engenharia

Leia mais

Modelagem de Informações para Construção (BIM) e ambientes colaborativos para gestão de projetos na construção civil

Modelagem de Informações para Construção (BIM) e ambientes colaborativos para gestão de projetos na construção civil Modelagem de Informações para Construção (BIM) e ambientes colaborativos para gestão de projetos na construção civil Building Information Modeling (BIM) and collaboration systems for civil engineering

Leia mais

Semestre do plano de estudos 1

Semestre do plano de estudos 1 Nome UC Inglês CU Name Código UC 6 Curso LEC Semestre do plano de estudos 1 Área científica Gestão Duração Semestral Horas de trabalho 54 ECTS 2 Horas de contacto TP - 22,5 Observações n.a. Docente responsável

Leia mais

MODELOS DE REFERÊNCIA PARA BIBLIOTECAS: a experiência do SIBi/USP

MODELOS DE REFERÊNCIA PARA BIBLIOTECAS: a experiência do SIBi/USP MODELOS DE REFERÊNCIA PARA BIBLIOTECAS: a experiência do SIBi/USP Teresinha das Graças Coletta 1, Maria Helena Di Francisco 2, Fabio Muller Guerrini³, Thyerre de Castro Ramazzi 4 1 Mestrado, Escola de

Leia mais

Overview of the GHG Protocol. - Rachel Biderman

Overview of the GHG Protocol. - Rachel Biderman Overview of the GHG Protocol - Rachel Biderman O Greenhouse Gas Protocol O GHG Protocol foi lançado em 1998 por Parceria multi-stakeholder entre empresários, ONGs, governos e outros Objetivos Simplificar

Leia mais

Principais Impactos do BIM na Gestão de Projetos

Principais Impactos do BIM na Gestão de Projetos BIM e a Gestão de Projetos Eduardo Toledo Santos Escola Politécnica da USP Principais Impactos do BIM na Gestão de Projetos Mudanças: Workflow do processo de projeto; Ferramentas usadas no projeto; Funções

Leia mais

Mainstreaming Sustainable Tourism

Mainstreaming Sustainable Tourism 8. Se sim, quais os meios mais apropriados para tanto? Não aplicável Em estudo Em implementação Implementado Divulgação de informações sobre as práticas de sustentabilidade realizadas ou apoiadas pelo

Leia mais

SAP Multinacional alemã de tecnologia, líder global em software de gestão de processos, contrata:

SAP Multinacional alemã de tecnologia, líder global em software de gestão de processos, contrata: SAP Multinacional alemã de tecnologia, líder global em software de gestão de processos, contrata: Vaga: Estagiário Área Jurídica Área: Legal Department O Departamento Jurídico é uma área dinâmica que possui

Leia mais

Implantação da tecnologia BIM analisada em quatro escritórios de arquitetura

Implantação da tecnologia BIM analisada em quatro escritórios de arquitetura Marcele Ariane Lopes Garbini e Douglas Queiroz Brandão Implantação da tecnologia BIM analisada em quatro escritórios de arquitetura 126 Marcele Ariane Lopes Garbini é Arquiteta da Método Engenharia S.A.,

Leia mais

INFLUÊNCIA DOS PLANOS DE RETIRADA DO ESCORAMENTO REMANESCENTE NAS DEFORMAÇÕES DAS LAJES DE CONCRETO ARMADO

INFLUÊNCIA DOS PLANOS DE RETIRADA DO ESCORAMENTO REMANESCENTE NAS DEFORMAÇÕES DAS LAJES DE CONCRETO ARMADO INFLUÊNCIA DOS PLANOS DE RETIRADA DO ESCORAMENTO REMANESCENTE NAS DEFORMAÇÕES DAS LAJES DE CONCRETO ARMADO Lineker B. Hoffmann (1) ; Lucas Z. Monteiro (2) ; Luis Otávio C. de Araújo (3) ; Pedro Vinicius

Leia mais

Uma Abordagem para a Avaliação de Processos de Desenvolvimento de Software Baseada em Risco e Conformidade

Uma Abordagem para a Avaliação de Processos de Desenvolvimento de Software Baseada em Risco e Conformidade Rafael de Souza Lima Espinha Uma Abordagem para a Avaliação de Processos de Desenvolvimento de Software Baseada em Risco e Conformidade Dissertação de Mestrado Dissertação apresentada como requisito parcial

Leia mais

Institutional Skills. Sessão informativa INSTITUTIONAL SKILLS. Passo a passo. www.britishcouncil.org.br

Institutional Skills. Sessão informativa INSTITUTIONAL SKILLS. Passo a passo. www.britishcouncil.org.br Institutional Skills Sessão informativa INSTITUTIONAL SKILLS Passo a passo 2 2 British Council e Newton Fund O British Council é a organização internacional do Reino Unido para relações culturais e oportunidades

Leia mais

BIM: CONCEITOS, CENÁRIO DAS PESQUISAS PUBLICADAS NO BRASIL E TENDÊNCIAS

BIM: CONCEITOS, CENÁRIO DAS PESQUISAS PUBLICADAS NO BRASIL E TENDÊNCIAS SBQP 2009 Simpósio Brasileiro de Qualidade do Projeto no Ambiente Construído 18 a 20 de Novembro de 2009 São Carlos, SP Brasil Universidade de São Paulo BIM: CONCEITOS, CENÁRIO DAS PESQUISAS PUBLICADAS

Leia mais

Gestão da Continuidade de Negócios

Gestão da Continuidade de Negócios Gestão da Continuidade de Negócios Fernando José Karl, AMBCI, CISSP, CISM fernando.karl@gmail.com 12/08/11 UNISINOS 2011-2 1 Competências da Disciplina Elaborar projetos e estratégias de continuidade de

Leia mais

Modelagem da Informação da Construção BIM. Sergio Scheer TC045 Gerenciamento de Projetos 2013

Modelagem da Informação da Construção BIM. Sergio Scheer TC045 Gerenciamento de Projetos 2013 Modelagem da Informação da Construção BIM Sergio Scheer TC045 Gerenciamento de Projetos 2013 Agenda Um pouco de história BIM conceitos Interoperabilidade Colaboração Programas e usos Cenário atual Mundo

Leia mais

Ficha da Unidade Curricular

Ficha da Unidade Curricular ESCOLA SUPERIOR DE TECNOLOGIA E GESTÃO DE FELGUEIRAS CURSO Licenciatura em Engenharia Informática U.C. SISTEMAS DE INFORMAÇÃO Ficha da Unidade Curricular Horas presenciais / Ano 56 Ano Lectivo 2010 / 2011

Leia mais

PROJETOS INDUSTRIAIS BARREIRAS PARA A IMPLEMENTAÇÃO DA MODELAGEM DA INFORMAÇÃO DA CONSTRUÇÃO 1

PROJETOS INDUSTRIAIS BARREIRAS PARA A IMPLEMENTAÇÃO DA MODELAGEM DA INFORMAÇÃO DA CONSTRUÇÃO 1 PROJETOS INDUSTRIAIS BARREIRAS PARA A IMPLEMENTAÇÃO DA MODELAGEM DA INFORMAÇÃO DA CONSTRUÇÃO 1 INDUSTRIAL PROJECTS BARRIERS TO IMPLEMENTATION OF BUILDING INFORMATION MODELING Tássia Farssura Silva tsa29v@hotmail.com

Leia mais

ENCONTRO REGIONAL 2009 BUILDING INFORMATION MODELING BIM. Building Information Modeling. Arq. Miriam Addor

ENCONTRO REGIONAL 2009 BUILDING INFORMATION MODELING BIM. Building Information Modeling. Arq. Miriam Addor BIM Building Information Modeling Arq. Miriam Addor Definições Conceitos de BIM Histórico e Situação atual da utilização BIM e o projeto Interfaces Sistemas disponíveis (Br e mundo) Interoperabilidade

Leia mais

PMBOK Guide Construction Extension

PMBOK Guide Construction Extension PMBOK Guide Construction Extension Alonso Mazini Soler amsol@j2da.com.br Twitter: @alonsosoler Avenida Valdemar Ferreira, 463-05.501-000 São Paulo, SP Fone/Fax: (11) 3032-0662 1 ALONSO MAZINI SOLER é sócio

Leia mais

Governancia da Água. Contributo de Portugal e da PPA para o Plano Estratégico de Implementação da Parceria Europeia para a Inovação no Domínio da Água

Governancia da Água. Contributo de Portugal e da PPA para o Plano Estratégico de Implementação da Parceria Europeia para a Inovação no Domínio da Água A Água e o Programa Horizonte 2020 (8ºPQ) Contributo de Portugal e da PPA para o Plano Estratégico de Implementação da Parceria Europeia para a Inovação no Domínio da Água Governancia da Água Francisco

Leia mais

IAB Tocantins: Os desafios para a implementação do BIM no Brasil

IAB Tocantins: Os desafios para a implementação do BIM no Brasil Page 1 of 8 Compartilhar Denunciar abuso Próximo blog» Criar um blog Login Caros colegas, Conheçam a Lei 12378/2010, que regulamenta a profissão de Arquiteto e Urbanista. Quarta, 16 de Fevereiro de 2011

Leia mais

Ficha de Unidade Curricular

Ficha de Unidade Curricular 6.2.1.1. Unidade curricular: Curricular Unit: Ficha de Unidade Curricular Comunicação Multimédia (Desenvolvimento) Multimedia Communication (Development) 6.2.1.2. Docente responsável e respectivas horas

Leia mais

IMPACTOS DO USO DO BIM EM ESCRITÓRIOS DE ARQUITETURA: OPORTUNIDADES NO MERCADO IMOBILIÁRIO

IMPACTOS DO USO DO BIM EM ESCRITÓRIOS DE ARQUITETURA: OPORTUNIDADES NO MERCADO IMOBILIÁRIO IMPACTOS DO USO DO BIM EM ESCRITÓRIOS DE ARQUITETURA: OPORTUNIDADES NO MERCADO IMOBILIÁRIO Livia Laubmeyer Alves de Souza (1); Arnaldo de Magalhães Lyrio Filho (2); Sergio Roberto Leusin de Amorim (3)

Leia mais

desenvolvimento de software em indústria, comunidades acadêmicas e científicas uma fábrica de software?... joa@ufrpe.br silvio@cesar.org.

desenvolvimento de software em indústria, comunidades acadêmicas e científicas uma fábrica de software?... joa@ufrpe.br silvio@cesar.org. desenvolvimento de software em indústria, comunidades acadêmicas e científicas uma fábrica de software?... joa@ufrpe.br silvio@cesar.org.br laboratórios de desenvolvimento... Produção de Software: histórico

Leia mais

Project Management Activities

Project Management Activities Id Name Duração Início Término Predecessoras 1 Project Management Activities 36 dias Sex 05/10/12 Sex 23/11/12 2 Plan the Project 36 dias Sex 05/10/12 Sex 23/11/12 3 Define the work 15 dias Sex 05/10/12

Leia mais

ATUAL CENÁRIO DA IMPLEMENTAÇÃO DE BIM NO MERCADO DA CONSTRUÇÃO CIVIL DA CIDADE DE SÃO PAULO E DEMANDA POR ESPECIALISTAS

ATUAL CENÁRIO DA IMPLEMENTAÇÃO DE BIM NO MERCADO DA CONSTRUÇÃO CIVIL DA CIDADE DE SÃO PAULO E DEMANDA POR ESPECIALISTAS ATUAL CENÁRIO DA IMPLEMENTAÇÃO DE BIM NO MERCADO DA CONSTRUÇÃO CIVIL DA CIDADE DE SÃO PAULO E DEMANDA POR ESPECIALISTAS Maria Bernardete Barison DMAT, Universidade Estadual de Londrina, UEL LABCAD, Escola

Leia mais

Desenvolvimento Ágil 1

Desenvolvimento Ágil 1 Desenvolvimento Ágil 1 Just-in-Time Custo = Espaço + Publicidade + Pessoal De que forma poderiamos bater a concorrência se um destes factores fosse zero? 2 Just-in-time Inventory is waste. Custo de armazenamento

Leia mais

Rodrigo B. Neves, PMP Diretor Gerência de Projetos - Flag IntelliWan rbneves@flag.com.br MSN: rodrigo_neves@hotmail.com

Rodrigo B. Neves, PMP Diretor Gerência de Projetos - Flag IntelliWan rbneves@flag.com.br MSN: rodrigo_neves@hotmail.com Infocon 2004 Rodrigo B. Neves, PMP Diretor Gerência de Projetos - Flag IntelliWan rbneves@flag.com.br MSN: rodrigo_neves@hotmail.com Agenda Definição; Histórico; Governança Coorporativa de TI; O Modelo

Leia mais

Project Communications Management. PMBOK Capítulo 10 hermano@cin.ufpe.br

Project Communications Management. PMBOK Capítulo 10 hermano@cin.ufpe.br Project Communications Management PMBOK Capítulo 10 hermano@cin.ufpe.br Quem não se comunica se intrubica Abelardo CHACRINHA Barbosa Gerência da Comunicação O gerente de projeto gasta de 75% a 90% de seu

Leia mais

PALESTRA: Como o BIM contribui para o crescimento de empresas no Brasil?

PALESTRA: Como o BIM contribui para o crescimento de empresas no Brasil? PALESTRA: Como o BIM contribui para o crescimento de empresas no Brasil? A AUTODESK possui parceiros denominados CSI Consulting System Integrator para ampliar o valor das suas soluções, sendo uma consultoria

Leia mais

OFFICE. Office Background

OFFICE. Office Background OFFICE Office Background Since it was founded in 2001, steady growth has been registered by the office in the Brazilian market of corporate law, a field in which our services are exemplary. The consolidation

Leia mais

CELSO GALLIZA PLANEJAMENTO E GESTÃO ESTRATÉGICA DA MANUTENÇÃO PREDIAL NO PODER JUDICIÁRIO DE SANTA CATARINA

CELSO GALLIZA PLANEJAMENTO E GESTÃO ESTRATÉGICA DA MANUTENÇÃO PREDIAL NO PODER JUDICIÁRIO DE SANTA CATARINA CELSO GALLIZA PLANEJAMENTO E GESTÃO ESTRATÉGICA DA MANUTENÇÃO PREDIAL NO PODER JUDICIÁRIO DE SANTA CATARINA FLORIANÓPOLIS SC 2008 UNIVERSIDADE DO ESTADO DE SANTA CATARINA - UDESC CENTRO DE CIÊNCIAS DA

Leia mais

PARFOR E AS INICIATIVAS DE FORM AÇÃO DE DOCENTES NO ESTADO DE SANTA CATARINA

PARFOR E AS INICIATIVAS DE FORM AÇÃO DE DOCENTES NO ESTADO DE SANTA CATARINA PARFOR E AS INICIATIVAS DE FORM AÇÃO DE DOCENTES NO ESTADO DE SANTA CATARINA Franciela Mara Córdova Ransolin Resumo: A formação de professores é um tema relevante entre as políticas públicas posto que

Leia mais

FLUXO DE ENGENHARIA. Prof. Ricardo Yogui. BIM: Novas Tecnologias e Metodologias na Engenharia 2º Semestre de 2013. MIPS - 2012 Direito Autoral

FLUXO DE ENGENHARIA. Prof. Ricardo Yogui. BIM: Novas Tecnologias e Metodologias na Engenharia 2º Semestre de 2013. MIPS - 2012 Direito Autoral 2º Semestre de 2013 FLUXO DE ENGENHARIA EVTE Projeto Básico Projeto Executivo Construção & Montagem Comissionamento Operação Prof. Ricardo Yogui 2º Semestre de 2013 Consideração Inicial O objetivo desta

Leia mais

UNIVERSIDADE CATÓLICA PORTUGUESA. A Reputação e a Responsabilidade Social na BP Portugal: A importância da Comunicação. Por. Ana Margarida Nisa Vintém

UNIVERSIDADE CATÓLICA PORTUGUESA. A Reputação e a Responsabilidade Social na BP Portugal: A importância da Comunicação. Por. Ana Margarida Nisa Vintém UNIVERSIDADE CATÓLICA PORTUGUESA A Reputação e a Responsabilidade Social na BP Portugal: A importância da Comunicação Relatório de estágio apresentado à Universidade Católica Portuguesa para obtenção do

Leia mais

Interoperability through Web Services: Evaluating OGC Standards in Client Development for Spatial Data Infrastructures

Interoperability through Web Services: Evaluating OGC Standards in Client Development for Spatial Data Infrastructures GeoInfo - 2006 Interoperability through Web Services: Evaluating OGC Standards in Client Development for Spatial Data Infrastructures Leonardo Lacerda Alves Clodoveu A. Davis Jr. Information Systems Lab

Leia mais

Software product lines. Paulo Borba Informatics Center Federal University of Pernambuco

Software product lines. Paulo Borba Informatics Center Federal University of Pernambuco Software product lines Paulo Borba Informatics Center Federal University of Pernambuco Software product lines basic concepts Paulo Borba Informatics Center Federal University of Pernambuco Um produto www.usm.maine.edu

Leia mais

CAD e BIM: Evolução ou Revolução na Aprovação de Projetos de Edificações nas Instâncias Legais?

CAD e BIM: Evolução ou Revolução na Aprovação de Projetos de Edificações nas Instâncias Legais? CAD e BIM: Evolução ou Revolução na Aprovação de Projetos de Edificações nas Instâncias Legais? CAD and BIM: Evolution or Revolution in Building Projects Approval in Legal Instances? Alexandre Monteiro

Leia mais

2 Forum PTPC. 21 de Fevereiro de 2013

2 Forum PTPC. 21 de Fevereiro de 2013 2 Forum PTPC 21 de Fevereiro de 2013 O GTBIM Misso e Macro-objetivos objetivos Constituiço Parceria com o BIMFórum Portugal Comunicaço Plano de Trabalhos Workshop Nacional BIM BIMClub Universidades Projeto

Leia mais

IMPLANTAÇÃO DA ABNT NBR 15575:2013 EM EMPRESAS INCORPORADORAS E CONSTRUTORAS A PARTIR DE PROCESSOS DE SISTEMAS DE GESTÃO DA QUALIDADE

IMPLANTAÇÃO DA ABNT NBR 15575:2013 EM EMPRESAS INCORPORADORAS E CONSTRUTORAS A PARTIR DE PROCESSOS DE SISTEMAS DE GESTÃO DA QUALIDADE IMPLANTAÇÃO DA ABNT NBR 15575:2013 EM EMPRESAS INCORPORADORAS E CONSTRUTORAS A PARTIR DE PROCESSOS DE SISTEMAS DE GESTÃO DA QUALIDADE OTERO, Juliano Araújo (1); SPOSTO, Rosa Maria (2) (1) Universidade

Leia mais

IMPACTOS DO USO X PERFIL DAS EMPRESAS E ANALISAR SEUS PROCESSOS DE GESTÃO DE PROJETOS

IMPACTOS DO USO X PERFIL DAS EMPRESAS E ANALISAR SEUS PROCESSOS DE GESTÃO DE PROJETOS IMPACTOS DO USO X PERFIL DAS EMPRESAS E ANALISAR SEUS PROCESSOS DE GESTÃO DE PROJETOS Vinicius Coutinho dos Santos BARBOSA (1); Michele Tereza Marques CARVALHO (2) (1) Campus Universitário Darcy Ribeiro

Leia mais

Definição do Modelo de Processo

Definição do Modelo de Processo Definição do Modelo de Processo 1. Introdução 1.1. Finalidade Mapear práticas sugeridas (i) pelo Padrão para Gestão de Portfólio do PMI, (ii) pelo Modelo de Referência do MPS.BR e (iii) pela Norma ISO/IEC

Leia mais

Ficha da Unidade Curricular

Ficha da Unidade Curricular ESCOLA SUPERIOR DE TECNOLOGIA E GESTÃO DE FELGUEIRAS Ficha da Unidade Curricular CURSO Mestrado em U.C. SISTEMAS INTEGRADOS DE Gestão Integrada da Qualidade,Ambiente e Segurança GESTÃO Horas presenciais

Leia mais