Orações Subordinadas. Apostila 3, Capítulo 8 Unidades 35 a 38 (pág. 313 a 321)

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Orações Subordinadas. Apostila 3, Capítulo 8 Unidades 35 a 38 (pág. 313 a 321)"

Transcrição

1 Orações Subordinadas d Apostila 3, Capítulo 8 Unidades 35 a 38 (pág. 313 a 321) Professora Simone

2 2 Período Composto por Subordinação É aquele formado por uma oração principal e uma ou mais orações subordinadas; a oração principal e as subordinadas mantêm entre si uma relação de dependência sintática. 1 oração Eu detesto atraso. Suj. VTD OD 1ª oração 2ª oração Eu detesto quando você chega atrasado Suj. VTD Oração Principal OD Oração Subordinada

3 3 Oração Principal: é a oração que tem como um de seus termos uma outra oração b di d é l f i Oração Subordinada: é aquela que funciona como um termo de outra.

4 4 Tipos de orações subordinadas Oração Subordinada Substantiva pode funcionar como sujeito, objeto direto ou indireto, predicativo do sujeito, aposto, complemento nominal ou agente da passiva. Oração Subordinada Adjetiva funciona como um adjunto adnominal. Oração Subordinada Adverbial funciona como um adjunto adverbial.

5 5 Orações Subordinadas Substantivas Lembre-se: são funções sintáticas de natureza substantiva: sujeito, predicativo, complementos verbais, complemento nominal, aposto e agente da passiva. 1 2 Eu preciso de que você me ajude. preciso VTT / de que você me ajude OI 1 2 Oração Principal (O.P.) Oração Subordinada Substantiva Objetiva Indireta (O.S.S.O.I.)

6 6 Por que oração subordinada substantiva? Oração verbo; Subordinada funciona como termo da outra oração; Substantiva exerce uma função sintática em relação à oração principal; Todos querem isso isso = O.D. Todos querem o seu regresso o seu regresso = O.D. Todos q e em q e ocê regresse Todos querem que você regresse que você regresse = OD

7 7 Tipos de Orações Subordinadas Substantivas (OSS): (O.S.S.): Subjetiva Objetiva Direta Objetiva Indireta Predicativa Completiva Nominal Apositiva Agente da passiva

8 8 Oração Subordinada Substantiva Subjetiva (O.S.S.S.) S S Função: sujeito da O.P. OP O.P. verbo de ligação + predicativo do sujeito É claro que ele virá. OP O.P. verbo unipessoal (ex.: constar, convir, parecer, importar, interessar, suceder, acontecer) Não convém que faltes a compromissos marcados. O.P. verbo na voz passiva Foi decidido que o casamento será adiado.

9 9 Oração Subordinada Substantiva Predicativa (O.S.S.Pred.) SSPred) Função: predicativo da O.P. O.P. sujeito + verbo de ligação Meu desejo é que você viaje tranquilo

10 10 Oração Subordinada Substantiva Objetiva Direta (O.S.S.O.D.) S O Função: objeto direto da O.P. O.P. sujeito (incluindo o sujeito oculto ou indeterminado) + VTD Todos sabem que você me idolatra Disseram que darão uma chance ao Juninho.

11 11 Oração Subordinada Substantiva Objetiva Indireta (O.S.S.O.I.) S O Função: objeto indireto da O.P. O.P. sujeito (incluindo o sujeito oculto ou indeterminado) + VTI Ele necessita de que o professor o incentive

12 12 Oração Subordinada Substantiva Completiva Nominal (O.S.S.C.N.) S Função: complemento nominal da O.P. O.P. sujeito (incluindo o sujeito oculto, indeterminado ou inexistente) + verbo + adjetivo ou advérbio ou substantivo que precisa de um complemento l i h i d ê f l Ele tinha receio de que você faltasse ao encontro

13 13 Oração Subordinada Substantiva Apositiva (O.S.S.Ap.) SSAp) Função: aposto da O.P. OP O.P. sujeito (incluindo o sujeito oculto, indeterminado ou inexistente) + verbo + complemento que será explicado pela oração apositiva ii que o segue Marcos tinha um sonho: que ele fosse um super- herói Obs.: a oração subordinada substantiva apositiva costuma aparecer precedida de dois pontos. No entanto, pode vir também entre vírgulas.

14 14 Oração Subordinada Substantiva Agente da passiva (O.S.S.Ag.Pas.) SSAgPas) Função: agente da passiva da O.P. O.P. sujeito (incluindo o sujeito oculto, indeterminado ou inexistente) + locução verbal da voz passiva Ela foi vista por quantos estiverem lá

Prof.ª Cristiana Ferreira Nunes

Prof.ª Cristiana Ferreira Nunes Prof.ª Cristiana Ferreira Nunes 2012 São Subordinadas Substantivas as orações equivalentes a substantivos dos períodos simples. Exemplos: Período simples: Substantivo (núcleo do OD) Quero a sua presença

Leia mais

SINTAXE. Período Composto. Conjunto de orações constituído por mais de uma oração.

SINTAXE. Período Composto. Conjunto de orações constituído por mais de uma oração. SINTAXE Período Composto Conjunto de orações constituído por mais de uma oração. O período composto pode ser período composto por coordenação ou subordinação. Período composto por subordinação No período

Leia mais

derrota: Vamos retomar o período simples do exemplo anterior e observar a classe gramatical e a função sintática da palavra Ele admitiu a derrota.

derrota: Vamos retomar o período simples do exemplo anterior e observar a classe gramatical e a função sintática da palavra Ele admitiu a derrota. Vamos retomar o período simples do exemplo anterior e observar a classe gramatical e a função sintática da palavra derrota: Ele admitiu a derrota. suj VTD função: núcleo do objeto direto classe: substantivo

Leia mais

Estude a revisão do 1º simulado mais as orações subordinadas substantivas

Estude a revisão do 1º simulado mais as orações subordinadas substantivas Revisão para o Simulado da 2ª bimestral Estude a revisão do 1º simulado mais as orações subordinadas substantivas 1) ORAÇÕES SUBORDINADAS SUBSTANTIVAS A oração subordinada substantiva tem valor de substantivo

Leia mais

Complemento nominal Adjunto adnominal Objeto indireto Predicativo do sujeito Predicativo do objeto Adjunto Adverbial Agente da passiva Aposto e

Complemento nominal Adjunto adnominal Objeto indireto Predicativo do sujeito Predicativo do objeto Adjunto Adverbial Agente da passiva Aposto e Complemento nominal Adjunto adnominal Objeto indireto Predicativo do sujeito Predicativo do objeto Adjunto Adverbial Agente da passiva Aposto e Vocativo Tipos de predicado COMPLEMENTO NOMINAL OU ADJUNTO

Leia mais

REVISÃO DE ANÁLISE SINTÁTICA Período composto

REVISÃO DE ANÁLISE SINTÁTICA Período composto REVISÃO DE ANÁLISE SINTÁTICA Período composto Professora Melina 9º. Ano Relembrando... ORAÇÃO Enunciado organizado em torno de um verbo. Você abre a janela. PERÍODO SIMPLES frase formada por uma só oração.

Leia mais

Verbo que precisa de um complemento SEM preposição. Ex.: A criança encontrou o brinquedo. A criança encontrou. (o quê?) o brinquedo = objeto direto

Verbo que precisa de um complemento SEM preposição. Ex.: A criança encontrou o brinquedo. A criança encontrou. (o quê?) o brinquedo = objeto direto TRANSITIVO DIRETO Verbo que precisa de um complemento SEM preposição. Ex.: A criança encontrou o brinquedo. A criança encontrou. (o quê?) o brinquedo = objeto direto TRANSITIVO INDIRETO Precisa de um complemento

Leia mais

o erro: Vamos retomar o período simples do exemplo anterior e observar a classe gramatical e a função sintática da palavra

o erro: Vamos retomar o período simples do exemplo anterior e observar a classe gramatical e a função sintática da palavra Vamos retomar o período simples do exemplo anterior e observar a classe gramatical e a função sintática da palavra o erro: Neymar não admitiu o erro do juiz. suj VTD função: núcleo do direto classe: substantivo

Leia mais

Sumário. A língua portuguesa e o ensino gramatical... 1. A língua portuguesa no ensino superior... 3. O novo acordo ortográfico...

Sumário. A língua portuguesa e o ensino gramatical... 1. A língua portuguesa no ensino superior... 3. O novo acordo ortográfico... Sumário I A língua portuguesa e o ensino gramatical... 1 A língua portuguesa no ensino superior... 3 POR QUE ESTUDAR PORTUGUÊS NO ENSINO SUPERIOR... 5 Concepções de gramática... 6 O novo acordo ortográfico...

Leia mais

Sintaxe do período composto

Sintaxe do período composto Lição 9 Sintaxe do período composto Estudo do Período Na lição 8, fizemos uma análise interna da oração. Examinamos os termos essenciais, os integrantes e os acessórios e, para isso, utilizamos exemplos

Leia mais

SUMÁRIO PERÍODO SIMPLES............................. 01

SUMÁRIO PERÍODO SIMPLES............................. 01 SUMÁRIO Capítulo 1 PERÍODO SIMPLES... 01 Frase... 02 Oração... 02 Oração coordenada... 03 Oração justaposta... 03 Oração principal... 03 Oração reduzida... 03 Oração relativa... 03 Oração subordinada...

Leia mais

Unidade I Corpo, movimento e linguagem na era da informação.

Unidade I Corpo, movimento e linguagem na era da informação. Unidade I Corpo, movimento e linguagem na era da informação. 7.2 Conteúdo: Funções sintáticas dos pronomes relativos. 7.2 Habilidades: Aprender a classificar e identificar as funções sintáticas dos pronomes

Leia mais

PERÍODO COMPOSTO POR COORDENAÇÃO

PERÍODO COMPOSTO POR COORDENAÇÃO PERÍODO COMPOSTO POR COORDENAÇÃO O período composto por coordenação é constituído por orações coordenadas. Chamamos oração coordenada por não exercer nenhuma função sintática em outra oração, daí ser chamada

Leia mais

Orações Subordinadas Substantivas. Profª Grayce Rodrigues 2º Ano - EM

Orações Subordinadas Substantivas. Profª Grayce Rodrigues 2º Ano - EM Orações Subordinadas Substantivas Profª Grayce Rodrigues 2º Ano - EM Orações Subordinadas Substantivas Oração subordinada substantiva: é aquela que tem valor de substantivo e exerce, em relação à oração

Leia mais

Prof. Eduardo Pereira Machado

Prof. Eduardo Pereira Machado Prof. Eduardo Pereira Machado Período Simples Todos esperam sua volta. Período Composto Todos esperam que você volte. A comparação entre ambas permite concluir que: 1. No período simples, a função de objeto

Leia mais

c) O complemento nominal também se confunde com o adjunto adnominal. As diferenças serão explicitadas quando falarmos de desse termo acessório.

c) O complemento nominal também se confunde com o adjunto adnominal. As diferenças serão explicitadas quando falarmos de desse termo acessório. b) Os estudantes inexperientes podem confundir o complemento nominal o objeto indireto. Essa dúvida é facilmente resolvida. O OI completa o sentido de um verbo e o CN, o de um nome. Ex.: Necessito de ajuda.

Leia mais

2.Diferenças semânticas entre as orações subordinadas adjetivas. 3.Funções sintáticas dos pronomes relativos nas orações adjetivas.

2.Diferenças semânticas entre as orações subordinadas adjetivas. 3.Funções sintáticas dos pronomes relativos nas orações adjetivas. OITAVA AULA DE GRAMÁTICA - INTERNET Professora: Sandra Franco Período Composto 1.Orações Subordinadas Adjetivas. 2.Diferenças semânticas entre as orações subordinadas adjetivas. 3.Funções sintáticas dos

Leia mais

Sumário. 2. Regras para emprego do hífen...14 Exercícios para fixação...17 2.1 Quadro prático para verificação de emprego de hífen...17 Gabarito...

Sumário. 2. Regras para emprego do hífen...14 Exercícios para fixação...17 2.1 Quadro prático para verificação de emprego de hífen...17 Gabarito... Sumário Capítulo 1 Ortografia.... 1 1. Regras de acentuação gráfica...1 1.1. Acentuação dos vocábulos monossilábicos...1 1.2. Acentuação dos vocábulos oxítonos...1 1.3. Acentuação dos vocábulos paroxítonos...2

Leia mais

Sumário. Apresentação. Parte 1 Período simples 1 Quadro geral dos termos da oração 3 Frase, oração e período 3

Sumário. Apresentação. Parte 1 Período simples 1 Quadro geral dos termos da oração 3 Frase, oração e período 3 Sumário Prefácio Apresentação XIII XV Parte 1 Período simples 1 Quadro geral dos termos da oração 3 Frase, oração e período 3 1. Tipologia do sujeito 6 Método para identificar o sujeito 6 Sujeito simples

Leia mais

SÉTIMA AULA DE GRAMÁTICA - INTERNET. Professora: Sandra Franco

SÉTIMA AULA DE GRAMÁTICA - INTERNET. Professora: Sandra Franco SÉTIMA AULA DE GRAMÁTICA - INTERNET Professora: Sandra Franco Período Composto. 1. Introdução ao estudo do Período Composto: Orações Subordinadas e Orações Coordenadas. 2. Orações Subordinadas Substantivas.

Leia mais

Mortal, quente e branco são adjetivos explicativos, em relação a homem, fogo e leite.

Mortal, quente e branco são adjetivos explicativos, em relação a homem, fogo e leite. Adjetivo é a classe gramatical que modifica um substantivo, atribuindo-lhe qualidade, estado ou modo de ser. Um adjetivo normalmente exerce uma dentre três funções sintáticas na oração: Aposto explicativo,

Leia mais

ESTUDO DIRIGIDO DE LÍNGUA PORTUGUESA DO 8º ANO PARA 0 2 BIMESTRE DE 2016

ESTUDO DIRIGIDO DE LÍNGUA PORTUGUESA DO 8º ANO PARA 0 2 BIMESTRE DE 2016 FUNDAÇÃO OSORIO PROFESSORA: REGINA CÉLIA DA SILVA ANDRADE ESTUDO DIRIGIDO DE LÍNGUA PORTUGUESA DO 8º ANO PARA 0 2 BIMESTRE DE 2016 TEXTO TEATRAL Características: Texto escrito para ser representado Escrito

Leia mais

Português Professora Raquel 9º ano / 1º trimestre

Português Professora Raquel 9º ano / 1º trimestre Português Professora Raquel 9º ano / 1º trimestre EXERCÍCIOS DE FIXAÇÃO ORAÇÃO SUBORDINADA SUBSTANTIVA GABARITO Observe os exemplos de análise sintática nas tirinhas abaixo. 1. Co mplete os p er í odos

Leia mais

Para que saber? Conhecer o papel desempenhados pelos relativos é importante porque:

Para que saber? Conhecer o papel desempenhados pelos relativos é importante porque: Pronomes relativos São aqueles que retomam um substantivo (ou um pronome) anterior a eles, substituindo-o no início da oração seguinte. Exemplos: O jogo será no domingo. O jogo decidirá o campeonato. Reunindo

Leia mais

Professora Patrícia Lopes

Professora Patrícia Lopes Professora Patrícia Lopes É a junção entre a morfologia e a sintaxe. Trata-se de duas partes da gramática que apesar de estarem envolvidas entre si, constituem-se de particularidades distintas. A morfologia

Leia mais

Odilei França. Este material é parte integrante do acervo do IESDE BRASIL S.A., mais informações

Odilei França. Este material é parte integrante do acervo do IESDE BRASIL S.A., mais informações Odilei França Graduado em Letras pela Fafipar. Graduado em Teologia pela Faculdade Batista. Professor de Língua Portuguesa para concursos públicos há 22 anos. Sintaxe do período composto: parte I Conceitos

Leia mais

Orações subordinadas substantivas e adjetivas

Orações subordinadas substantivas e adjetivas Orações subordinadas substantivas e adjetivas Sintaxe do período simples Os termos podem ser compostos por: Substantivos (Sujeito, objeto direto, objeto indireto, predicativo do sujeito, complemento nominal

Leia mais

As orações subordinadas substantivas exercem funções próprias dos substantivos (sujeito, objeto direto, objeto indireto, predicativo, complemento

As orações subordinadas substantivas exercem funções próprias dos substantivos (sujeito, objeto direto, objeto indireto, predicativo, complemento As orações subordinadas substantivas exercem funções próprias dos substantivos (sujeito, objeto direto, objeto indireto, predicativo, complemento nominal, aposto) (CEGALLA, 2008, p.379) SUBJETIVAS: Exercem

Leia mais

META Discorrer sobre o conceito de oração subordinada substantiva e sobre três tipos dessas orações.

META Discorrer sobre o conceito de oração subordinada substantiva e sobre três tipos dessas orações. ORAÇÕES SUBORDINADAS SUBSTANTIVAS (I) Aula 3 META Discorrer sobre o conceito de oração subordinada substantiva e sobre três tipos dessas orações. OBJETIVOS Ao fi nal desta aula, o aluno deverá: terminada

Leia mais

PERÍODO COMPOSTO POR SUBORDINAÇÃO Profª Giovana Uggioni Silveira

PERÍODO COMPOSTO POR SUBORDINAÇÃO Profª Giovana Uggioni Silveira PERÍODO COMPOSTO POR SUBORDINAÇÃO Profª Giovana Uggioni Silveira ORAÇÕES SUBORDINADAS Exercem função sintática sobre as outras. Oração principal, orações desenvolvidas ou reduzidas. ORAÇÕES SUBORDINADAS

Leia mais

ESCOLA SECUNDÁRIA C/ 3º CEB DE LOUSADA

ESCOLA SECUNDÁRIA C/ 3º CEB DE LOUSADA ESCOLA SECUNDÁRIA C/ 3º CEB DE LOUSADA FICHA INFORMATIVA FRASE SIMPLES/FRASE COMPLEXA COORDENAÇÃO/SUBORDINAÇÃO A frase pode conter uma ou mais orações. A cada oração corresponde uma forma verbal expressa

Leia mais

REVISÃO: SINTAXE. Tipos de sujeito, complementos verbais, adjuntos adnominais e adverbiais e complementos nominais.

REVISÃO: SINTAXE. Tipos de sujeito, complementos verbais, adjuntos adnominais e adverbiais e complementos nominais. REVISÃO: SINTAXE Tipos de sujeito, complementos verbais, adjuntos adnominais e adverbiais e complementos nominais. Sujeito e Predicado: termos essenciais da oração Sujeito: termo da oração com o qual o

Leia mais

FUNÇÕES SINTÁTICAS DOS PRONOMES PESSOAIS OBLÍQUOS ÁTONOS

FUNÇÕES SINTÁTICAS DOS PRONOMES PESSOAIS OBLÍQUOS ÁTONOS LÍNGUA PORTUGUESA GRAMÁTICA: FUNÇÕES SINTÁTICAS DOS PRONOMES PESSOAIS OBLÍQUOS ÁTONOS PROF.º PAULO SCARDUA PRONOME OBLÍQUO O E VARIAÇÕES SUJEITO DE VERBO NO INFINITIVO O pronome obliquo O, quando acompanha

Leia mais

4. Ação recíproca 5. Outras três funções do se 6. Vozes verbais e transitividade verbal 7. Contextualizando a teoria 8. Exercícios

4. Ação recíproca 5. Outras três funções do se 6. Vozes verbais e transitividade verbal 7. Contextualizando a teoria 8. Exercícios SUMÁRIO CAPÍTULO 1 ACENTUAÇÃO GRÁFICA 1. Diferença entre acento tônico e acento gráfico 2. Palavras tônicas e palavras átonas 3. Classificação da palavra pela posição da vogal tônica 4. Timbre da vogal

Leia mais

Bárbara da Silva. Português. Aula 13 Período composto por subordinação

Bárbara da Silva. Português. Aula 13 Período composto por subordinação Bárbara da Silva Português Aula 13 Período composto por subordinação No período composto por subordinação existe pelo menos uma oração principal e uma subordinada. A oração principal é sempre incompleta,

Leia mais

02/03/2014 MORFOLOGIA X SINTAXE

02/03/2014 MORFOLOGIA X SINTAXE MORFOLOGIA X SINTAXE 1 TRANSITIVIDADE VERBAL OU PREDICAÇÃO VERBAL 1- VERBOS NOCIONAIS (significativos) ação, fenômeno e movimento VI, VTD, VTI ou VTDI 2- VERBOS RELACIONAIS (não-significativos) estado,

Leia mais

SINTAXE Termos integrantes 1) Objeto direto: o complemento de um verbo transitivo direto. Ex.: Perdi os documentos. Encontrei-os.

SINTAXE Termos integrantes 1) Objeto direto: o complemento de um verbo transitivo direto. Ex.: Perdi os documentos. Encontrei-os. SINTAXE Termos integrantes 1) Objeto direto: o complemento de um verbo transitivo direto. Ex.: Perdi os documentos. Encontrei-os. * Objeto direto preposicionado: aquele cuja preposição não é exigência

Leia mais

Sumário. Edital sistematizado... 15 Apresentação da Coleção... 17 Apresentação... 19 Sobre português... 23 Um novo perfil de prova...

Sumário. Edital sistematizado... 15 Apresentação da Coleção... 17 Apresentação... 19 Sobre português... 23 Um novo perfil de prova... Sumário Edital sistematizado... 15 Apresentação da Coleção... 17 Apresentação... 19 Sobre português... 23 Um novo perfil de prova... PARTE 1 Capítulo 1 MORFOLOGIA 1... 27 Substantivo Adjetivo Advérbio

Leia mais

Período composto por coordenação

Período composto por coordenação Período composto por coordenação É o período composto por duas ou mais orações independentes. Estas orações podem ser assindéticas ou sindéticas. Orações coordenadas assindéticas Não apresentam conectivos

Leia mais

Funções do substantivo. Sujeito Objeto direto Objeto indireto Complemento nominal Predicativo Aposto

Funções do substantivo. Sujeito Objeto direto Objeto indireto Complemento nominal Predicativo Aposto Funções do substantivo Sujeito Objeto direto Objeto indireto Complemento nominal Predicativo Aposto Orações desenvolvidas São introduzidas por uma conjunção integrante (que,se); ou introduzidas por pronome

Leia mais

9 ADJUNTO ADNOMINAL E COMPLEMENTO NOMINAL

9 ADJUNTO ADNOMINAL E COMPLEMENTO NOMINAL Aula ADJUNTO ADNOMINAL E COMPLEMENTO NOMINAL META Explicar a função adjetiva do adjunto adnominal, um acessório do núcleo do sujeito e de outros núcleos, mostrando as classes adjuntas. Apresentar a importância

Leia mais

Aula ORAÇÕES SUBORDINADAS SUBSTANTIVAS (II)

Aula ORAÇÕES SUBORDINADAS SUBSTANTIVAS (II) ORAÇÕES SUBORDINADAS SUBSTANTIVAS (II) META Rever o conceito de oração subordinada substantiva. Discorrer sobre os quatro últimos tipos de orações subordinadas substantivas. OBJETIVOS Ao fi nal desta aula,

Leia mais

ORAÇÕES SUBORDINADAS. Professor: Aramis de Cássio

ORAÇÕES SUBORDINADAS. Professor: Aramis de Cássio ORAÇÕES SUBORDINADAS Professor: Aramis de Cássio ORAÇÕES SUBORDINADAS ORAÇÕES SUBORDINADAS As ORAÇÕES SUBORDINADAS funcionam sempre como um termo essencial, integrante e acessório da oração principal.

Leia mais

TERMOS ESSENCIAIS DA ORAÇÃO SUJEITO E PREDICADO

TERMOS ESSENCIAIS DA ORAÇÃO SUJEITO E PREDICADO TERMOS ESSENCIAIS DA ORAÇÃO SUJEITO E PREDICADO TERMOS ESSENCIAIS DA ORAÇÃO: são aqueles que não podem faltar, pois caso contrário, a oração deixa de existir. São eles: o SUJEITO e o PREDICADO. a) SUJEITO:

Leia mais

DICAS ÚTEIS PARA ORAÇÕES

DICAS ÚTEIS PARA ORAÇÕES DICAS ÚTEIS PARA ORAÇÕES SUBSTANTIVAS ORAÇÃO PRINCIPAL Nome da oração que não possui a conjunção. ORAÇÃO SUBORDINADA Nome da oração que tem no seu início a conjunção; completa uma oração principal. CONJUNÇÃO

Leia mais

Período Composto por Subordinação

Período Composto por Subordinação Período Composto por Subordinação Todo período composto por subordinação contém uma oração principal, acompanhada de uma ou mais orações subordinadas. A oração principal é a que encerra o sentido fundamental

Leia mais

CLASSES GRAMATICAIS Parte 1

CLASSES GRAMATICAIS Parte 1 CLASSES GRAMATICAIS Parte 1 Professora Idilvânia 1 Existem 10 Classes Gramaticais Artigo Substantivo Adjetivo Advérbio Preposição Pronomes Verbo Conjunção Numeral Interjeição 2 ARTIGO Qualifica ou determina

Leia mais

LÍNGUA PORTUGUESA. Professora Rosane Reis. MÓDULO 10 Sintaxe III

LÍNGUA PORTUGUESA. Professora Rosane Reis. MÓDULO 10 Sintaxe III LÍNGUA PORTUGUESA Professora Rosane Reis MÓDULO 10 Sintaxe III A SUBORDINAÇÃO No período composto por subordinação, há uma que traz presa a si, como dependente, outra ou outras. Dependentes porque cada

Leia mais

Termos ligados ao nome. adnominal e aposto) e o vocativo. Apostila 2, Capítulo 4 Unidades 21 a 24 (pág. 407 a 417) Professora Simone

Termos ligados ao nome. adnominal e aposto) e o vocativo. Apostila 2, Capítulo 4 Unidades 21 a 24 (pág. 407 a 417) Professora Simone Termos ligados ao nome (complemento nominal, adjunto adnominal e aposto) e o vocativo Apostila 2, Capítulo 4 Unidades 21 a 24 (pág. 407 a 417) Professora Simone 2 Regência Nominal Designa a relação existente

Leia mais

REVISÃO DE CONTEÚDO PERÍODO COMPOSTO. Profª.: Célia Trindade de Araújo e Silva

REVISÃO DE CONTEÚDO PERÍODO COMPOSTO. Profª.: Célia Trindade de Araújo e Silva REVISÃO DE CONTEÚDO PERÍODO COMPOSTO Profª.: Célia Trindade de Araújo e Silva ORAÇÕES SUBORDINADAS SUBSTANTIVAS Para compreender como a oração subordinada substantiva desempenha a função própria de um

Leia mais

Oração subordinada: substantiva relativa e adjetiva relativa

Oração subordinada: substantiva relativa e adjetiva relativa Oração subordinada: substantiva relativa e adjetiva relativa Relação entre um elemento subordinante (palavra, constituinte ou oração) e uma oração subordinada. As orações subordinadas podem ser: adverbiais

Leia mais

Centro Educacional C.C.G. TD1-1º BIMESTRE (1º Período)

Centro Educacional C.C.G. TD1-1º BIMESTRE (1º Período) TD1-1º BIMESTRE (1º Período) Aluno (a): nº VALE: 2 pontos OBS: Devolver o TD 1 a professora no dia 16/04/09 (quinta-feira). Usar caneta azul ou preta. Não use 1- Leia o quadrinho de Glauco e faça o que

Leia mais

SINTAXE PERÍODO SIMPLES

SINTAXE PERÍODO SIMPLES SINTAXE DO PERÍODO SIMPLES A N Á L I S E S I N T Á T I C A Sujeito: é o termo da oração com o qual o verbo concorda em pessoa (1ª, 2ª, 3ª) e número (singular, plural). O sujeito comanda a concordância

Leia mais

Preparatório - Concurso Bombeiro Militar do Pará Língua Portuguesa

Preparatório - Concurso Bombeiro Militar do Pará Língua Portuguesa Preparatório - Concurso Bombeiro Militar do Pará Língua Portuguesa Aula IV Conhecimentos Linguísticos: Período Composto por Coordenação Período Composto por Subordinação PERÍODO COMPOSTO O período composto

Leia mais

Roteiro de Estudos 3 trimestre 2015 Disciplina: Língua Portuguesa - 9º. ano PROFª. Fátima Borelli

Roteiro de Estudos 3 trimestre 2015 Disciplina: Língua Portuguesa - 9º. ano PROFª. Fátima Borelli Roteiro de Estudos 3 trimestre 2015 Disciplina: Língua Portuguesa - 9º. ano PROFª. Fátima Borelli O QUE DEVO SABER: - Diferenças entre conjunção e pronome relativo; - Diferenças entre complemento nominal

Leia mais

Conteúdos: Período composto por subordinação: Orações substantivas II

Conteúdos: Período composto por subordinação: Orações substantivas II Conteúdos: Período composto por subordinação: Orações substantivas II Habilidades: Reconhecer a composição pelo processo de subordinação, em períodos com orações que exercem função substantiva Habilidades:

Leia mais

Integrado Aulas 33 e 35 Apostila 5; pág. 81 Pontuação. Prof. Eloy Gustavo

Integrado Aulas 33 e 35 Apostila 5; pág. 81 Pontuação. Prof. Eloy Gustavo Integrado Aulas 33 e 35 Apostila 5; pág. 81 Pontuação 1 Virgulação na Oração Casos Gerais 2 1ª Regra termos naturalmente ligados Termos naturalmente ligados não se separam por qualquer sinal de pausa.

Leia mais

Aposto. Professora: Caliana Medeiros

Aposto. Professora: Caliana Medeiros Aposto Professora: Caliana Medeiros É um termo que se junta a outro de valor substantivo ou pronominal para explicá-lo ou especificá-lo melhor. Vem separado dos demais termos da oração por vírgula, dois-pontos

Leia mais

PREDICAÇÃO VERBAL SINTAXE DO PERÍODO SIMPLES

PREDICAÇÃO VERBAL SINTAXE DO PERÍODO SIMPLES PREDICAÇÃO VERBAL SINTAXE DO PERÍODO SIMPLES Um fato novo ocorreu VI. Aquelas pessoas trabalham. VI O jovem vive. VI o quê? A aluna chupou uma bala. VTD OD o quê? Ela aceitouo presente. VTD OD quem? O

Leia mais

É possível transformar a expressão "a profundidade das palavras dele", objeto direto, em oração. Observe:

É possível transformar a expressão a profundidade das palavras dele, objeto direto, em oração. Observe: PERÍODO COMPOSTO POR SUBORDINAÇÃO Classificação das Orações Subordinadas As orações subordinadas dividem-se em três grupos, de acordo com a função sintática que desempenham e a classe de palavras a que

Leia mais

Orações Subordinadas Substantivas Objetivas. Izabela da Cunha Bataglioli & Yuli Thamires Magalhães

Orações Subordinadas Substantivas Objetivas. Izabela da Cunha Bataglioli & Yuli Thamires Magalhães Orações Subordinadas Substantivas Objetivas Izabela da Cunha Bataglioli & Yuli Thamires Magalhães Orações Objetivas Diretas A oração subordinada substantiva objetiva direta exerce função de objeto direto

Leia mais

ROTEIRO DE ESTUDOS DISCIPLINA: QUÍMICA RECUPERAÇÃO FINAL SÉRIE: 2º EM DATA DA PROVA: /12/2016 CONTEÚDO:

ROTEIRO DE ESTUDOS DISCIPLINA: QUÍMICA RECUPERAÇÃO FINAL SÉRIE: 2º EM DATA DA PROVA: /12/2016 CONTEÚDO: DISCIPLINA: QUÍMICA RECUPERAÇÃO FINAL SÉRIE: 2º EM 1) Balanceamento pelo método das tentativas; 2) Leis de Lavoisier e Proust; 3) Cálculo estequiométrico; 4) Estudo dos gases; 5) Soluções Estudo das concentrações;

Leia mais

Professora Patrícia Lopes

Professora Patrícia Lopes Professora Patrícia Lopes É a junção entre a morfologia e a sintaxe. Trata-se de duas partes da gramática que apesar de estarem envolvidas entre si, constituem-se de particularidades distintas. A morfologia

Leia mais

Antes de iniciarmos o trabalho sobre sintaxe de termos, convém distinguir classe gramatical de função sintática.

Antes de iniciarmos o trabalho sobre sintaxe de termos, convém distinguir classe gramatical de função sintática. PROJETO DOMINGÃO SINTAXE DE TERMOS prof. ROBSON MORAES 1 A Análise Sintática possui cinco (5) divisões: 1 sintaxe de termos; 2 sintaxe de orações; 3 sintaxe de concordância (verbal e nominal); 4 sintaxe

Leia mais

ESTADO DE SERGIPE SEPLAG/SE PROFESSOR DE EDUCAÇÃO BÁSICA

ESTADO DE SERGIPE SEPLAG/SE PROFESSOR DE EDUCAÇÃO BÁSICA ESTADO DE SERGIPE SEPLAG/SE PROFESSOR DE EDUCAÇÃO BÁSICA Resposta aos Recursos contra a Prova Objetiva Cargo: S01 - P.E.B. - E. F. (6º AO 9º ANO) E MÉDIO - ARTE Disciplina: LINGUA PORTUGUESA Questão Resposta

Leia mais

Centro Educacional C.C.G. TD1-1º BIMESTRE (1º Período)

Centro Educacional C.C.G. TD1-1º BIMESTRE (1º Período) Centro Educacional C.C.G. TD1-1º BIMESTRE (1º Período) VALE: 2 pontos OBS: Devolver o TD 1 a professora no dia 16/04/09 (quinta-feira). Usar caneta azul ou preta. Não use 1- Em 1991, por ocasião da visita

Leia mais

Unidade I Tecnologia: Corpo, movimento e linguagem na era da informação.

Unidade I Tecnologia: Corpo, movimento e linguagem na era da informação. Unidade I Tecnologia: Corpo, movimento e linguagem na era da informação. 3.1 Conteúdo: Orações subordinadas substantivas reduzidas de infinitivo. 3.1 Habilidade: Desenvolver oração subordinada substantiva

Leia mais

Prof. Valber Freitas. Língua Portuguesa. Sintaxe Termos Integrantes

Prof. Valber Freitas. Língua Portuguesa. Sintaxe Termos Integrantes Prof. Valber Freitas Língua Portuguesa Sintaxe Termos Integrantes Sintaxe Termos Integrantes Termos integrantes Objeto Direto Objeto Indireto Complemento Nominal Agente da Passiva Predicativo do Sujeito

Leia mais

LÍNGUA PORTUGUESA 7º ano 3º Trimestre / 2016 BATERIA DE EXERCÍCIOS COMPLEMENTARES

LÍNGUA PORTUGUESA 7º ano 3º Trimestre / 2016 BATERIA DE EXERCÍCIOS COMPLEMENTARES LÍNGUA PORTUGUESA 7º ano 3º Trimestre / 2016 BATERIA DE EXERCÍCIOS COMPLEMENTARES 1. Leia a tira a seguir: a) Classifique sintaticamente o pronome me no segundo quadrinho da tira. b) Compare o sentido

Leia mais

Exercícios Sobre Sujeito

Exercícios Sobre Sujeito Exercícios Sobre Sujeito Questão 01- Com relação à classificação do sujeito, analise as orações abaixo e assinale a alternativa CORRETA: I O meu primeiro ímpeto foi correr ao café. II Cheguei a pegar na

Leia mais

A morfologia divide as palavras em classes gramaticais; já a sintaxe estuda a função das palavras dentro de um contexto oracional.

A morfologia divide as palavras em classes gramaticais; já a sintaxe estuda a função das palavras dentro de um contexto oracional. Patrícia Lopes É a junção entre a morfologia e a sintaxe. Trata-se de duas partes da gramática que apesar de estarem envolvidas entre si, constituem-se de particularidades distintas. A morfologia divide

Leia mais

Professor Jailton. www. professorjailton.com.br

Professor Jailton. www. professorjailton.com.br Professor Jailton www. professorjailton.com.br Período Composto por Subordinação Oração Subordinada Substantiva Oração Subordinada Adjetiva Oração Subordinada Adverbial Funções do substantivo Sujeito Objeto

Leia mais

SINTAXE DA ORAÇÃO. O QUE É SINTAXE? É a parte da gramática que estuda as relações entre as palavras dentro de uma frase.

SINTAXE DA ORAÇÃO. O QUE É SINTAXE? É a parte da gramática que estuda as relações entre as palavras dentro de uma frase. O QUE É SINTAXE? É a parte da gramática que estuda as relações entre as palavras dentro de uma frase. O QUE DEVEMOS APRENDER? Identificar e reconhecer os constituintes sintáticos de uma oração (sujeito,

Leia mais

Língua Portuguesa. Professor Valber Freitas

Língua Portuguesa. Professor Valber Freitas Língua Portuguesa Professor Valber Freitas Conteúdo Programático Ementa: Banca: FGV LÍNGUA PORTUGUESA: Interpretação de textos argumentativos, com destaque para métodos de raciocínio e tipologia argumentativa;

Leia mais

Conteúdos: Funções do QUE e SE I

Conteúdos: Funções do QUE e SE I Conteúdos: Funções do QUE e SE I Habilidades: Conhecer a partícula QUE a qual pertence a diferentes classes gramaticais e funções sintáticas Habilidades: Saber empregar as funções do SE como partícula

Leia mais

ESTUDO DIRIGIDO 1º E 2º BIMESTRES

ESTUDO DIRIGIDO 1º E 2º BIMESTRES NOME DO ALUNO: DISCIPLINA: LÍNGUA PORTUGUESA PROFESSOR(A): MICHELE PEREIRA Nº: ANO: 9º TURMA: FII9.2 VALOR: 2,0 DATA: / /2013 NOTA: ESTUDO DIRIGIDO 1º E 2º BIMESTRES Caro aluno, Ao longo do 1º semestre

Leia mais

COLÉGIO IMACULADA CONCEIÇÃO. Revisão: Orações Subordinadas Substantivas CORREÇÃO

COLÉGIO IMACULADA CONCEIÇÃO. Revisão: Orações Subordinadas Substantivas CORREÇÃO COLÉGIO IMACULADA CONCEIÇÃO Revisão: Orações Subordinadas Substantivas CORREÇÃO 1) Para completar os trechos com uma oração SUBSTANTIVA, você precisa usar uma conjunção integrante (que ou se) e usar também

Leia mais

SUMÁRIO PARTE I FONOLOGIA CAPÍTULO 1 ACENTUAÇÃO... 23 CAPÍTULO 2 ORTOGRAFIA... 29

SUMÁRIO PARTE I FONOLOGIA CAPÍTULO 1 ACENTUAÇÃO... 23 CAPÍTULO 2 ORTOGRAFIA... 29 SUMÁRIO PARTE I FONOLOGIA CAPÍTULO 1 ACENTUAÇÃO... 23 1. Introdução... 23 2. Regras de acentuação gráfica... 23 2.1. Proparoxítonas... 23 2.2. Paroxítonas... 23 2.2.1. Observações... 24 2.3. Oxítonas...

Leia mais

TER 3º Bimestre- 7º ano - Português. Verbo Intransitivo e Verbo Transitivo

TER 3º Bimestre- 7º ano - Português. Verbo Intransitivo e Verbo Transitivo TER 3º Bimestre- 7º ano - Português Verbo Intransitivo e Verbo Transitivo Leia as frases a seguir: A- Durante a aula, a garotinha chorou. B- Durante a aula, a garotinha quebrou. Na frase 1, o verbo tem

Leia mais

Língua Portuguesa Mara Rúbia

Língua Portuguesa Mara Rúbia Língua Portuguesa Mara Rúbia Regência nominal é o nome da relação existente entre um nome (substantivo, adjetivo ou advérbio) e os termos regidos por esse nome. Determina se os seus complementos são acompanhados

Leia mais

Lista de exercícios de Língua Portuguesa

Lista de exercícios de Língua Portuguesa CORREÇÃO DA LISTA DE EXERCÍCIOS 1. A importância do estudo da língua Observe esse trecho retirado de uma redação nota zero. O autor tinha boas ideias, mas infelizmente, foi incapaz de expressá-las com

Leia mais

ANÁLISE SINTÁTICA DOS PRONOMES RELATIVOS

ANÁLISE SINTÁTICA DOS PRONOMES RELATIVOS ANÁLISE SINTÁTICA DOS PRONOMES RELATIVOS CONCEITUANDO Há na Língua Portuguesa, palavras que retomam ou substituem outras, garantindo a síntese e a coesão textual. A palavra que, entre muitos de seus empregos,

Leia mais

FACULDADE GUANAMBI - FG EDITAL Nº. 09, DE 17 DE SETEMBRO DE 2014 OFICINAS DE APERFEIÇOAMENTO FG

FACULDADE GUANAMBI - FG EDITAL Nº. 09, DE 17 DE SETEMBRO DE 2014 OFICINAS DE APERFEIÇOAMENTO FG FACULDADE GUANAMBI - FG EDITAL Nº. 09, DE 17 DE SETEMBRO DE 2014 OFICINAS DE APERFEIÇOAMENTO FG O DIRETOR ACADÊMICO ADMINISTRATIVO DA FACULDADE GUANAMBI, no uso de suas atribuições legais, e entendendo

Leia mais

Orações Coordenadas. Período. Frase. Oração. Composto: Formado por duas ou mais orações. É a frase formada por uma ou mais orações

Orações Coordenadas. Período. Frase. Oração. Composto: Formado por duas ou mais orações. É a frase formada por uma ou mais orações Frase Enunciado capaz de transmitir nossas idéias, ou seja, tem sentido completo. Oração Fogo! A noite está linda. É o enunciado organizado em torno de um verbo. Ele atropelou o concorrente. Nós atropelamos

Leia mais

Revisão sujeito e predicado. Prof.ª Lucimar

Revisão sujeito e predicado. Prof.ª Lucimar Revisão sujeito e predicado Prof.ª Lucimar Tipos de sujeito Sujeito Simples: possui apenas um núcleo e este vem escrito. Exemplos: - Deus é perfeito! Sujeito simples Deus Núcleo do sujeito simples Deus

Leia mais

REVISÃO PARA A AVALIAÇÃO FINAL ORAÇÃ0 SUBORDINADA SUBSTANTIVA

REVISÃO PARA A AVALIAÇÃO FINAL ORAÇÃ0 SUBORDINADA SUBSTANTIVA REVISÃO PARA A AVALIAÇÃO FINAL ORAÇÃ0 SUBORDINADA SUBSTANTIVA Oração Principal: não começa com conjunção. Oração Subordinada Substantiva: não tem sentido completo e começa com conjunção. CONJUNÇÕES: :

Leia mais

PRONOMES RELATIVOS Caicó RN 2018

PRONOMES RELATIVOS Caicó RN 2018 Colégio Diocesano Seridoense Disciplina: Língua Portuguesa Professora: Lusia Raquel PRONOMES RELATIVOS Caicó RN 2018 PRONOMES RELATIVOS: PRONOMES RELATIVOS: O pronome "que" é o relativo de mais largo emprego,

Leia mais

Aula 7: Período composto por coordenação e período composto por subordinação

Aula 7: Período composto por coordenação e período composto por subordinação APOIO PEDAGÓGICO AO NÚCLEO COMUM Aula 7: Período composto por coordenação e período composto por subordinação Tutora: Ariana de Carvalho Orações coordenadas As luzes apagam-se, abrem-se as cortinas e começa

Leia mais

EXPRESSÃO ESCRITA. O Sumário aqui presente é a continuação do que desenvolvemos na aula anterior: 1. Introdução. 2.

EXPRESSÃO ESCRITA. O Sumário aqui presente é a continuação do que desenvolvemos na aula anterior: 1. Introdução. 2. EXPRESSÃO ESCRITA Sejam bem-vindos à quarta videoaula de Expressão Escrita. Sou a Maj Anna Luiza professora de Português da Seção de Idiomas da ECEME. Esta aula se destina a você, aluno do CP/ECEME e aos

Leia mais

Pronomes. Apostila 3, Capítulo 11 Unidades 33 a 38 (pág. 391 a 408)

Pronomes. Apostila 3, Capítulo 11 Unidades 33 a 38 (pág. 391 a 408) Pronomes Apostila 3, Capítulo 11 Unidades 33 a 38 (pág. 391 a 408) Professora Simone 2 O bundão Joaquim foi a um psicólogo porque a mulher batia nele e toda a vizinhança lá do prédio o via como um frouxo.

Leia mais

COMPLEMENTO NOMINAL E ADJUNTO ADNOMINAL. Profª Giovana Uggioni Silveira

COMPLEMENTO NOMINAL E ADJUNTO ADNOMINAL. Profª Giovana Uggioni Silveira COMPLEMENTO NOMINAL E ADJUNTO ADNOMINAL Profª Giovana Uggioni Silveira ADJUNTO ADNOMINAL É o termo da oração que acompanha e modifica um substantivo, conferindo-lhe características e atributos. Artigos,

Leia mais

Há dois sintagmas essenciais: o sintagma nominal (SN), cujo núcleo é um nome ou palavra que seja equivalente; e o sintagma verbal (SV) cujo núcleo é

Há dois sintagmas essenciais: o sintagma nominal (SN), cujo núcleo é um nome ou palavra que seja equivalente; e o sintagma verbal (SV) cujo núcleo é Há dois sintagmas essenciais: o sintagma nominal (SN), cujo núcleo é um nome ou palavra que seja equivalente; e o sintagma verbal (SV) cujo núcleo é uma forma verbal. Existem também o sintagma adjetival

Leia mais

Gramática Tradicional Sintaxe I termos essenciais da oração

Gramática Tradicional Sintaxe I termos essenciais da oração Gramática Tradicional Sintaxe I termos essenciais da oração Apoio Pedagógico ao Núcleo Comum Tutora: Thais Torres Guimarães thaistorresg@gmail.com O que é SINTAXE? Parte da gramática que se ocupa da combinação

Leia mais

Orações Subordinadas d Adjetivas. Apostila 3, Capítulo 9 Unidades 39 e 40 (pág. 322 a 329)

Orações Subordinadas d Adjetivas. Apostila 3, Capítulo 9 Unidades 39 e 40 (pág. 322 a 329) Orações Subordinadas d Adjetivas Apostila 3, Capítulo 9 Unidades 39 e 40 (pág. 322 a 329) Professora Simone 2 Orações Subordinadas Adjetivas A sua história assustadora será contada para todos assustadora

Leia mais

CRONOGRAMA 2ª SÉRIE/2014 Língua Portuguesa Gramática AURÉLIA PEDRONI NASCIMENTO E CESAR AUGUSTUS VISINTIN S. LISBOA

CRONOGRAMA 2ª SÉRIE/2014 Língua Portuguesa Gramática AURÉLIA PEDRONI NASCIMENTO E CESAR AUGUSTUS VISINTIN S. LISBOA CRONOGRAMA 2ª SÉRIE/2014 Língua Portuguesa Gramática AURÉLIA PEDRONI NASCIMENTO E CESAR AUGUSTUS VISINTIN S. LISBOA PRIMEIRO TRIMESTRE: 05/02 a 21/05 ( 73 DIAS LETIVOS ) Primeira semana 05/02 a 07/02 Aula

Leia mais

Professor Marlos Pires Gonçalves

Professor Marlos Pires Gonçalves PERÍODO COMPOSTO POR SUBORDINAÇÃO ORAÇÕES SUBORDINADAS ADVERBIAIS As orações subordinadas adverbiais exercem a função sintática de adjunto adverbial da oração principal. Exemplo: Eles chegaram quando amanhecia.

Leia mais

Professor Marlos Pires Gonçalves

Professor Marlos Pires Gonçalves PERÍODO COMPOSTO As orações podem ser constituídas da seguinte forma: Períodos simples» são aqueles formados por uma só oração. Exemplo: O mar estava calmo. (Aparece apenas um verbo: estava. Logo, período

Leia mais

Aula 09 PALAVRA SE. VOZ PASSIVA Sujeito agente Agente da passiva. VOZ ATIVA Objeto direto Sujeito paciente

Aula 09 PALAVRA SE. VOZ PASSIVA Sujeito agente Agente da passiva. VOZ ATIVA Objeto direto Sujeito paciente Página1 Curso/Disciplina: Português para Concursos Aula: Pronomes e colocação pronominal: a palavra se 09 Professor (a): André Moraes Monitor (a): Luis Renato Ribeiro Pereira de Almeida Aula 09 PALAVRA

Leia mais

MARIA TEREZA E ZAMBELI

MARIA TEREZA E ZAMBELI MARIA TEREZA E ZAMBELI TRANSITIVIDADE VERBAL VERBOS Intransitivos Transitivos sem complemento A gente sabe viver Conviver, tanto prazer Anoitecer, amanhecer Eu e você, eu e você com complemento VTI com

Leia mais

INTRODUÇÃO À SINTAXE DA LÍNGUA PORTUGUESA

INTRODUÇÃO À SINTAXE DA LÍNGUA PORTUGUESA INTRODUÇÃO À SINTAXE DA LÍNGUA PORTUGUESA FRASE, ORAÇÃO E PERÍODO FRASE: todo enunciado de sentido completo capaz de estabelecer comunicação. Pode ser nominal ou verbal. Nominal: não possui verbo Exemplos:

Leia mais