PLANO DE CONTAS DO ESTADO DE GOIÁS

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "PLANO DE CONTAS DO ESTADO DE GOIÁS"

Transcrição

1 ATIVO ATIVO CIRCULANTE CAIXA E EQUIVALENTES DE CAIXA CAIXA E EQUIVALENTES DE CAIXA EM MOEDA NACIONAL CAIXA E EQUIVALENTES DE CAIXA EM MOEDA NACIONAL - EXTRA OFSS CAIXA RESERVADO PARA CONTA ÚNICA DO RPPS BANCOS CONTA MOVIMENTO BANCO DO BRASIL CAIXA ECONÔMICA FEDERAL BANCO ITAÚ DEMAIS CONTAS BANCARIAS REDE BANCARIA - ARRECADAÇÃO ARRECADAÇÃO DIRETA ARRECADAÇÃO INDIRETA APLICAÇÕES FINANCEIRAS DE LIQUIDEZ IMEDIATA POUPANÇA DEPÓSITOS ESPECIAIS REMUNERADOS CDB OUTRAS APLICAÇÕES FINANCEIRAS DE LIQUIDEZ IMEDIATA CRÉDITOS A CURTO PRAZO CLIENTES CLIENTES - EXTRA OFSS CLIENTES - INTRA OFSS CLIENTES - INTER OFSS CRÉDITOS TRIBUTÁRIOS A RECEBER CRÉDITOS TRIBUTÁRIOS A RECEBER - EXTRA OFSS CRÉDITOS TRIBUTÁRIOS CRÉDITOS TRIBUTÁRIOS A RECEBER - INTRA OFSS CRÉDITOS TRIBUTÁRIOS A RECEBER - INTER OFSS - UNIÃO CRÉDITOS TRIBUTÁRIOS A RECEBER - INTER OFSS ESTADO CRÉDITOS TRIBUTÁRIOS A RECEBER - INTER OFSS - MUNICÍPIO DIVIDA ATIVA TRIBUTARIA DIVIDA ATIVA TRIBUTARIA - EXTRA OFSS CRÉDITOS TRIBUTÁRIOS INSCRITOS IPVA ITCD ICMS TAXAS OUTROS TRIBUTOS CRÉDITOS PREVIDENCIÁRIOS INSCRITOS DIVIDA ATIVA TRIBUTARIA - INTRA OFSS DIVIDA ATIVA TRIBUTARIA - INTER OFSS - UNIÃO DIVIDA ATIVA TRIBUTARIA - INTER OFSS - ESTADO DIVIDA ATIVA TRIBUTARIA - INTER OFSS - MUNICÍPIO DIVIDA ATIVA NÃO TRIBUTARIA DIVIDA ATIVA NÃO TRIBUTARIA - EXTRA OFSS CRÉDITOS NÃO TRIBUTÁRIOS INSCRITOS CRÉDITOS DE TRANSFERÊNCIAS A RECEBER CRÉDITOS DE TRANSFERÊNCIAS A RECEBER - INTER OFSS UNIÃO CRÉDITOS DE TRANSFERÊNCIAS A RECEBER - INTER OFSS - ESTADO CRÉDITOS DE TRANSFERÊNCIAS A RECEBER - INTER OFSS - MUNICÍPIO EMPRÉSTIMOS E FINANCIAMENTOS CONCEDIDOS EMPRÉSTIMOS E FINANCIAMENTOS CONCEDIDOS - EXTRA OFSS EMPRÉSTIMOS E FINANCIAMENTOS CONCEDIDOS - INTER OFSS - UNIÃO EMPRÉSTIMOS E FINANCIAMENTOS CONCEDIDOS - INTER OFSS - ESTADO EMPRÉSTIMOS E FINANCIAMENTOS CONCEDIDOS - INTER OFSS - MUNICÍPIO (-) AJUSTE DE PERDAS DE CRÉDITOS A CURTO PRAZO (-) AJUSTE DE PERDAS DE CRÉDITOS A CURTO PRAZO - EXTRA OFSS (-) PROVISÃO PARA DEVEDORES DUVIDOSOS (-) PROVISÃO PARA PERDAS DE CRÉDITOS TRIBUTÁRIOS (-) PROVISÃO PARA PERDAS DE DIVIDA ATIVA TRIBUTARIA (-) PROVISÃO PARA PERDAS DE DIVIDA ATIVA NÃO TRIBUTARIA - CLIENTES (-) AJUSTE DE PERDAS DE CRÉDITOS A CURTO PRAZO - INTRA OFSS (-) AJUSTE DE PERDAS DE CRÉDITOS A CURTO PRAZO - INTER OFSS - UNIÃO (-) AJUSTE DE PERDAS DE CRÉDITOS A CURTO PRAZO - INTER OFSS - ESTADO (-) AJUSTE DE PERDAS DE CRÉDITOS A CURTO PRAZO - INTER OFSS - MUNICÍPIO DEMAIS CRÉDITOS E VALORES A CURTO PRAZO

2 ADIANTAMENTOS CONCEDIDOS A PESSOAL E A TERCEIROS ADIANTAMENTOS CONCEDIDOS A PESSOAL E A TERCEIROS - EXTRA OFSS ADIANTAMENTOS CONCEDIDOS RESPONSÁVEIS POR SUPRIMENTO DE FUNDOS TRIBUTOS A RECUPERAR / COMPENSAR TRIBUTOS A RECUPERAR / COMPENSAR - EXTRA OFSS (EXTRA OFSS ) IPI A RECUPERAR/ COMPENSAR ICMS A RECUPERAR / COMPENSAR IRRF A COMPENSAR IPVA A COMPENSAR INSS A COMPENSAR PASEP A COMPENSAR CRÉDITOS A RECEBER POR DESCENTRALIZAÇÃO DA PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS PÚBLICOS CRÉDITOS A RECEBER POR DESCENTRALIZAÇÃO DA PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS PÚBLICOS - EXTRA OFSS CRÉDITOS POR DANOS AO PATRIMÔNIO CRÉDITOS POR DANOS AO PATRIMÔNIO- EXTRA OFSS DEPÓSITOS RESTITUÍVEIS E VALORES VINCULADOS DEPÓSITOS RESTITUÍVEIS E VALORES VINCULADOS - EXTRA OFSS DIVIDA ATIVA NÃO TRIBUTARIA - DEMAIS CRÉDITOS DIVIDA ATIVA NÃO TRIBUTARIA - DEMAIS CRÉDITOS - EXTRA OFSS DEMAIS CRÉDITOS OUTROS CRÉDITOS A RECEBER E VALORES A CURTO PRAZO OUTROS CRÉDITOS A RECEBER E VALORES A CURTO PRAZO - EXTRA OFSS OUTROS DEVEDORES (-) AJUSTE DE PERDAS DE DEMAIS CRÉDITOS E VALORES A CURTO PRAZO (-) AJUSTE DE PERDAS DE DEMAIS CRÉDITOS E VALORES A CURTO PRAZO - EXTRA OFSS (-) AJUSTE DE PERDAS DE CRÉDITOS POR DANOS AO PATRIMÔNIO (-) AJUSTE DE PERDAS DE CRÉDITOS ADMINISTRATIVOS (-) AJUSTE DE PERDAS DE CRÉDITOS APURADOS EM TOMADA DE CONTAS ESPECIAL (-) AJUSTE DE PERDAS DE DIVIDA ATIVA NÃO TRIBUTARIA - DEMAIS CRÉDITOS (-) OUTROS AJUSTES DE PERDAS DE DEMAIS CRÉDITOS E VALORES A CURTO PRAZO (-) AJUSTE DE PERDAS DE DEMAIS CRÉDITOS E VALORES A CURTO PRAZO - INTRA OFSS INVESTIMENTOS E APLICAÇÕES TEMPORÁRIAS A CURTO PRAZO TÍTULOS E VALORES MOBILIÁRIOS TÍTULOS E VALORES MOBILIÁRIOS - EXTRA OFSS APLICAÇÃO TEMPORÁRIA EM METAIS PRECIOSOS APLICAÇÃO TEMPORÁRIA EM METAIS PRECIOSOS - EXTRA OFSS (-) AJUSTE DE PERDAS DE INVESTIMENTOS E APLICAÇÕES TEMPORÁRIAS (-) AJUSTE DE PERDAS DE INVESTIMENTOS E APLICAÇÕES TEMPORÁRIAS - EXTRA OFSS ESTOQUES MERCADORIAS PARA REVENDA MERCADORIAS PARA REVENDA - EXTRA OFSS PRODUTOS E SERVIÇOS ACABADOS PRODUTOS E SERVIÇOS ACABADOS - EXTRA OFSS PRODUTOS E SERVIÇOS EM ELABORAÇÃO PRODUTOS E SERVIÇOS EM ELABORAÇÃO - EXTRA OFSS MATÉRIAS-PRIMAS MATÉRIAS-PRIMAS - EXTRA OFSS MATERIAIS EM TRANSITO MATERIAIS EM TRANSITO - EXTRA OFSS ALMOXARIFADO ALMOXARIFADO - EXTRA OFSS MATERIAIS PARA CONSUMO/ TRANSFORMAÇÃO MATERIAIS DE CONSUMO MATERIAIS PARA OUTRAS FINALIDADES MATERIAIS PARA DISTRIBUIÇÃO GRATUITA ADIANTAMENTOS A FORNECEDORES ADIANTAMENTOS A FORNECEDORES - EXTRA OFSS OUTROS ESTOQUES OUTROS ESTOQUES - EXTRA OFSS (-) AJUSTE DE PERDAS DE ESTOQUES (-) AJUSTE DE PERDAS DE ESTOQUES - EXTRA OFSS MATERIAIS PARA CONSUMO/TRANSFORMAÇÃO MATERIAIS DE CONSUMO MATERIAIS PARA DISTRIBUIÇÃO GRATUITA VARIAÇÕES PATRIMONIAIS DIMINUTIVAS PAGAS ANTECIPADAMENTE PRÊMIOS DE SEGUROS A APROPRIAR PRÊMIOS DE SEGUROS A APROPRIAR - EXTRA OFSS VARIAÇÕES PATRIMONIAIS DIMINUTIVAS FINANCEIRAS A APROPRIAR

3 VARIAÇÕES PATRIMONIAIS DIMINUTIVAS FINANCEIRAS A APROPRIAR - EXTRA OFSS ASSINATURAS E ANUIDADES A APROPRIAR ASSINATURAS E ANUIDADES A APROPRIAR - EXTRA OFSS ALUGUÉIS PAGOS A APROPRIAR ALUGUÉIS PAGOS A APROPRIAR - EXTRA OFSS TRIBUTOS PAGOS A APROPRIAR TRIBUTOS PAGOS A APROPRIAR - EXTRA OFSS CONTRIBUIÇÕES CONFEDERATIVAS A APROPRIAR CONTRIBUIÇÕES CONFEDERATIVAS A APROPRIAR - EXTRA OFSS BENEFÍCIOS A PESSOAL A APROPRIAR BENEFÍCIOS A PESSOAL A APROPRIAR - EXTRA OFSS DEMAIS VARIAÇÕES PATRIMONIAIS DIMINUTIVAS A APROPRIAR DEMAIS VARIAÇÕES PATRIMONIAIS DIMINUTIVAS A APROPRIAR - EXTRA OFSS ATIVO NÃO CIRCULANTE ATIVO REALIZÁVEL A LONGO PRAZO CRÉDITOS A LONGO PRAZO CRÉDITOS A LONGO PRAZO - EXTRA OFSS CLIENTES CRÉDITOS TRIBUTÁRIOS A RECEBER DIVIDA ATIVA TRIBUTARIA IPVA ITCD ICMS TAXAS OUTROS TRIBUTOS DIVIDA ATIVA NÃO TRIBUTARIA - CLIENTES EMPRÉSTIMOS E FINANCIAMENTOS CONCEDIDOS (-) AJUSTE DE PERDAS DE CRÉDITOS A LONGO PRAZO CLIENTES CRÉDITOS TRIBUTÁRIOS A RECEBER DIVIDA ATIVA TRIBUTARIA IPVA ITCD ICMS TAXAS OUTROS TRIBUTOS DIVIDA ATIVA NÃO TRIBUTARIA - CLIENTES EMPRÉSTIMOS E FINANCIAMENTOS CONCEDIDOS CRÉDITOS A LONGO PRAZO - INTRA OFSS CRÉDITOS A LONGO PRAZO - INTER OFSS - UNIÃO CRÉDITOS A LONGO PRAZO - INTER OFSS - ESTADO CRÉDITOS A LONGO PRAZO - INTER OFSS - MUNICÍPIO DEMAIS CRÉDITOS E VALORES A LONGO PRAZO DEMAIS CRÉDITOS E VALORES A LONGO PRAZO - EXTRA OFSS ADIANTAMENTOS CONCEDIDOS A PESSOAL E A TERCEIROS TRIBUTOS A RECUPERAR / COMPENSAR CRÉDITOS A RECEBER POR DESCENTRALIZAÇÃO DA PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS PÚBLICOS CRÉDITOS POR DANOS AO PATRIMÔNIO PROVENIENTES DE CRÉDITOS ADMINISTRATIVOS CRÉDITOS POR DANOS AO PATRIMÔNIO APURADOS EM TOMADA DE CONTAS ESPECIAL DEPÓSITOS RESTITUÍVEIS E VALORES VINCULADOS DIVIDA ATIVA NÃO TRIBUTARIA - DEMAIS CRÉDITOS OUTROS CRÉDITOS A RECEBER E VALORES A LONGO PRAZO OUTROS DEVEDORES (-) AJUSTE DE PERDAS DE DEMAIS CRÉDITOS E VALORES A LONGO PRAZO INVESTIMENTOS E APLICAÇÕES TEMPORÁRIAS A LONGO PRAZO INVESTIMENTOS E APLICAÇÕES TEMPORÁRIAS A LONGO PRAZO - EXTRA OFSS TÍTULOS E VALORES MOBILIÁRIOS APLICAÇÃO TEMPORÁRIA EM METAIS PRECIOSOS APLICAÇÕES EM SEGMENTO DE IMÓVEIS (-) AJUSTE DE PERDAS DE INVESTIMENTOS E APLICAÇÕES TEMPORÁRIAS A LONGO PRAZO ESTOQUES ESTOQUES - EXTRA OFSS MERCADORIAS PARA REVENDA PRODUTOS E SERVIÇOS ACABADOS PRODUTOS E SERVIÇOS EM ELABORAÇÃO MATÉRIAS-PRIMAS MATERIAIS EM TRANSITO ALMOXARIFADO ADIANTAMENTOS A FORNECEDORES

4 OUTROS ESTOQUES (-) AJUSTE DE PERDAS DE ESTOQUES VARIAÇÕES PATRIMONIAIS DIMINUTIVAS PAGAS ANTECIPADAMENTE VARIAÇÕES PATRIMONIAIS DIMINUTIVAS PAGAS ANTECIPADAMENTE - EXTRA OFSS PRÊMIOS DE SEGUROS A APROPRIAR VARIAÇÕES PATRIMONIAIS DIMINUTIVAS FINANCEIRAS A APROPRIAR ASSINATURAS E ANUIDADES A APROPRIAR ALUGUÉIS PAGOS A APROPRIAR TRIBUTOS PAGOS A APROPRIAR CONTRIBUIÇÕES CONFEDERATIVAS A APROPRIAR BENEFÍCIOS A APROPRIAR DEMAIS VARIAÇÕES PATRIMONIAIS DIMINUTIVAS A APROPRIAR INVESTIMENTOS PARTICIPAÇÕES PERMANENTES PARTICIPAÇÕES PERMANENTES - EXTRA OFFS PARTICIPAÇÕES AVALIADAS PELO MÉTODO DE EQUIVALÊNCIA PATRIMONIAL PARTICIPAÇÕES EM EMPRESAS OUTRAS PARTICIPAÇÕES - MÉTODO DE EQUIVALÊNCIA PATRIMONIAL ÁGIO NA AQUISIÇÃO DE PARTICIPAÇÕES AVALIADAS PELO MÉTODO DE EQUIVALÊNCIA PATRIMONIAL (-) AMORTIZAÇÃO DE ÁGIO NA AQUISIÇÃO DE PARTICIPAÇÕES AVALIADAS PELO MÉTODO DE EQUIVALÊNCIA PATRIMONIAL (-) DESÁGIO NA AQUISIÇÃO DE PARTICIPAÇÕES AVALIADAS PELO MÉTODO DE EQUIVALÊNCIA PATRIMONIAL AMORTIZAÇÃO DE DESÁGIO NA AQUISIÇÃO DE PARTICIPAÇÕES AVALIADAS PELO MÉTODO DE EQUIVALÊNCIA PATRIMONIAL PARTICIPAÇÕES AVALIADAS PELO MÉTODO DE CUSTO PARTICIPAÇÕES EM EMPRESAS PARTICIPAÇÕES PERMANENTES - INTRA OFSS PARTICIPAÇÕES PERMANENTES - INTER OFSS - UNIÃO PARTICIPAÇÕES PERMANENTES - INTER OFSS - ESTADO PARTICIPAÇÕES PERMANENTES - INTER OFSS - MUNICÍPIO PROPRIEDADES PARA INVESTIMENTO PROPRIEDADES PARA INVESTIMENTO - EXTRA OFSS INVESTIMENTOS DO REGIME PRÓPRIO DE PREVIDÊNCIA SOCIAL DE LONGO PRAZO INVESTIMENTOS DO REGIME PRÓPRIO DE PREVIDÊNCIA SOCIAL DE LONGO PRAZO - EXTRA OFSS DEMAIS INVESTIMENTOS PERMANENTES DEMAIS INVESTIMENTOS PERMANENTES - EXTRA OFSS (-) DEPRECIAÇÃO ACUMULADA DE INVESTIMENTOS (-) DEPRECIAÇÃO ACUMULADA DE INVESTIMENTOS - EXTRA OFSS (-) DEPRECIAÇÃO ACUMULADA DE INVESTIMENTOS - EXTRA OFSS - PROPRIEDADES PARA INVESTIMENTO (-) REDUÇÃO AO VALOR RECUPERÁVEL DE INVESTIMENTOS (-) REDUÇÃO AO VALOR RECUPERÁVEL DE INVESTIMENTOS - EXTRA OFSS (-) REDUÇÃO AO VALOR RECUPERÁVEL DE INVESTIMENTOS - PARTICIPAÇÕES PERMANENTES (-) REDUÇÃO AO VALOR RECUPERÁVEL DE PROPRIEDADES PARA INVESTIMENTO (-) REDUÇÃO AO VALOR RECUPERÁVEL DE INVESTIMENTOS DO REGIME PRÓPRIO DE PREVIDÊNCIA SOCIAL (-) REDUÇÃO AO VALOR RECUPERÁVEL DE INVESTIMENTOS - DEMAIS INVESTIMENTOS PERMANENTES (-) REDUÇÃO AO VALOR RECUPERÁVEL DE INVESTIMENTOS - INTRA OFSS (-) REDUÇÃO AO VALOR RECUPERÁVEL DE INVESTIMENTOS - INTER OFSS - UNIÃO (-) REDUÇÃO AO VALOR RECUPERÁVEL DE INVESTIMENTOS - INTER OFSS - ESTADO (-) REDUÇÃO AO VALOR RECUPERÁVEL DE INVESTIMENTOS - INTER OFSS - MUNICÍPIO IMOBILIZADO BENS MOVEIS BENS MOVEIS- EXTRA OFSS MÁQUINAS, APARELHOS, EQUIPAMENTOS E FERRAMENTAS BENS DE INFORMÁTICA MÓVEIS E UTENSÍLIOS MATERIAIS CULTURAIS, EDUCACIONAIS E DE COMUNICAÇÃO VEÍCULOS TERRESTRE, AÉREOS E AQUÁTICOS PEÇAS E CONJUNTOS DE REPOSIÇÃO BENS MÓVEIS EM ANDAMENTO BENS MÓVEIS EM ALMOXARIFADO ARMAMENTOS SEMOVENTES BENS IMÓVEIS BENS IMÓVEIS- EXTRA OFSS BENS DE USO ESPECIAL BENS DO ESTADO/INSTITUIÇÃO BENS DOMINICAIS BENS DE USO COMUM DO POVO BENS IMÓVEIS EM ANDAMENTO INSTALAÇÕES DEMAIS BENS IMÓVEIS

5 (-) DEPRECIAÇÃO, EXAUSTÃO E AMORTIZAÇÃO ACUMULADAS (-) DEPRECIAÇÃO, EXAUSTÃO E AMORTIZAÇÃO ACUMULADAS - EXTRA OFSS (-) DEPRECIAÇÃO ACUMULADA (-) DEPRECIAÇÃO ACUMULADA - BENS MÓVEIS (-) DEPRECIAÇÃO ACUMULADA - BENS IMÓVEIS BENS DE USO ESPECIAL (-) EXAUSTÃO ACUMULADA (-) AMORTIZAÇÃO ACUMULADA (-) REDUÇÃO AO VALOR RECUPERÁVEL DE IMOBILIZADO (-) REDUÇÃO AO VALOR RECUPERÁVEL DE IMOBILIZADO - EXTRA OFSS (-) REDUÇÃO AO VALOR RECUPERÁVEL DE IMOBILIZADO - BENS MOVEIS (-) REDUÇÃO AO VALOR RECUPERÁVEL DE IMOBILIZADO - BENS IMÓVEIS INTANGÍVEL SOFTWARES SOFTWARES- EXTRA OFSS MARCAS, DIREITOS E PATENTES INDUSTRIAIS MARCAS, DIREITOS E PATENTES INDUSTRIAIS - EXTRA OFSS DIREITO DE USO DE IMÓVEIS DIREITO DE USO DE IMÓVEIS- EXTRA OFSS (-) AMORTIZAÇÃO ACUMULADA (-) AMORTIZAÇÃO ACUMULADA- EXTRA OFSS (-) REDUÇÃO AO VALOR RECUPERÁVEL DE INTANGÍVEL (-) REDUÇÃO AO VALOR RECUPERÁVEL DE INTANGÍVEL - EXTRA OFSS PASSIVO E PATRIMÔNIO LÍQUIDO PASSIVO CIRCULANTE OBRIGAÇÕES TRABALHISTAS, PREVIDENCIÁRIAS E ASSISTENCIAIS A PAGAR A CURTO PRAZO PESSOAL A PAGAR PESSOAL A PAGAR - EXTRA OFSS PESSOAL A PAGAR FINANCEIRO PESSOAL A PAGAR DO EXERCÍCIO SALÁRIOS, REMUNERAÇÕES E BENEFÍCIOS DO EXERCÍCIO PESSOAL A PAGAR DE EXERCÍCIOS ANTERIORES SALÁRIOS, REMUNERAÇÕES E BENEFÍCIOS DE EXERCÍCIOS DE ANTERIORES PRECATÓRIOS PRECATÓRIOS DE PESSOAL PROVISÃO DE PESSOAL PESSOAL A PAGAR PROVISIONADO PESSOAL A PAGAR NÃO FINANCEIRO PESSOAL A PAGAR DO EXERCÍCIO SALÁRIOS, REMUNERAÇÕES E BENEFÍCIOS DO EXERCÍCIO PESSOAL A PAGAR DE EXERCÍCIOS ANTERIORES SALÁRIOS, REMUNERAÇÕES E BENEFÍCIOS DE EXERCÍCIOS DE ANTERIORES PRECATÓRIOS PRECATÓRIOS DE PESSOAL PROVISÃO DE PESSOAL PESSOAL A PAGAR PROVISIONADO PESSOAL A PAGAR - INTRA OFSS PESSOAL A PAGAR - INTER OFSS - UNIÃO PESSOAL A PAGAR - INTER OFSS - ESTADO PESSOAL A PAGAR - INTER OFSS - MUNICÍPIO BENEFÍCIOS PREVIDENCIÁRIOS A PAGAR BENEFÍCIOS PREVIDENCIÁRIOS A PAGAR- EXTRA OFSS BENEFÍCIOS PREVIDENCIÁRIOS FINANCEIRO BENEFÍCIOS PREVIDENCIÁRIOS DO EXERCÍCIO APOSENTADORIA, REFORMAS OU PENSÕES - RPPS BENEFÍCIOS PREVIDENCIÁRIOS DE EXERCÍCIOS ANTERIORES DO RPPS APOSENTADORIA, REFORMAS OU PENSÕES - RPPS PRECATÓRIOS DE BENEFÍCIOS PREVIDENCIÁRIOS BENEFÍCIOS PREVIDENCIÁRIOS NÃO FINANCEIRO BENEFÍCIOS PREVIDENCIÁRIOS DO EXERCÍCIO APOSENTADORIA, REFORMAS OU PENSÕES - RPPS BENEFÍCIOS PREVIDENCIÁRIOS DE EXERCÍCIOS ANTERIORES PRECATÓRIOS DE BENEFÍCIOS PREVIDENCIÁRIOS EXERCÍCIOS PREVIDENCIÁRIOS A PAGAR - INTRA OFSS BENEFÍCIOS PREVIDENCIÁRIOS A PAGAR - INTER OFSS BENEFÍCIOS ASSISTENCIAIS A PAGAR BENEFÍCIOS ASSISTENCIAIS A PAGAR - EXTRA OFSS BENEFÍCIOS ASSISTENCIAIS A PAGAR FINANCEIRO BENEFÍCIOS ASSISTENCIAIS A PAGAR DO EXERCÍCIO

6 BENEFÍCIOS ASSISTENCIAIS A PAGAR DE EXERCÍCIOS ANTERIORES BENEFÍCIOS ASSISTENCIAIS NÃO FINANCEIRO BENEFÍCIOS ASSISTENCIAIS A PAGAR DO EXERCÍCIO BENEFÍCIOS ASSISTENCIAIS A PAGAR DE EXERCÍCIOS ANTERIORES ENCARGOS SOCIAIS A PAGAR ENCARGOS SOCIAIS A PAGAR- EXTRA OFSS INSS A PAGAR FINANCEIRO INSS A PAGAR ENCARGOS PREVIDENCIÁRIOS DO ESTADO ENCARGOS PREVIDENCIÁRIOS DO ESTADO - DO EXERCÍCIO ENCARGOS PREVIDENCIÁRIOS DO ESTADO - DO EXERCÍCIO ANTERIOR PSSS - CONTRIBUIÇÃO SOBRE VENCIMENTOS E VANTAGENS PSSS - CONTRIBUIÇÃO SOBRE VENCIMENTOS E VANTAGENS CONTRIBUIÇÃO A REGIME PRÓPRIO DE PREVIDÊNCIA - RPPS FGTS SALÁRIO - EDUCAÇÃO ENTIDADES DE PREVIDÊNCIA PRIVADA E COMPLEMENTAR RECURSOS DO SALÁRIO EDUCAÇÃO OUTROS ENCARGOS SOCIAIS INSS A PAGAR NÃO FINANCEIRO INSS A PAGAR ENCARGOS PREVIDENCIÁRIOS DO ESTADO PSSS - CONTRIBUIÇÃO SOBRE VENCIMENTOS E VANTAGENS PSSS - CONTRIBUIÇÃO SOBRE VENCIMENTOS E VANTAGENS CONTRIBUIÇÃO A REGIME PRÓPRIO DE PREVIDÊNCIA - RPPS FGTS SALÁRIO - EDUCAÇÃO ENTIDADES DE PREVIDÊNCIA PRIVADA E COMPLEMENTAR RECURSOS DO SALÁRIO EDUCAÇÃO OUTROS ENCARGOS SOCIAIS ENCARGOS SOCIAIS A PAGAR - INTRA OFSS ENCARGOS SOCIAIS A PAGAR FINANCEIRO PSSS - CONTRIBUIÇÃO SOBRE VENCIMENTOS E VANTAGENS CONTRIBUIÇÃO A REGIME PRÓPRIO DE PREVIDÊNCIA SOCIAL - RPPS ENTIDADES DE PREVIDÊNCIA PRIVADA E COMPLEMENTAR OUTROS ENCARGOS SOCIAIS ENCARGOS SOCIAIS A PAGAR NÃO FINANCEIRO PSSS - CONTRIBUIÇÃO SOBRE VENCIMENTOS E VANTAGENS CONTRIBUIÇÃO A REGIME PRÓPRIO DE PREVIDÊNCIA SOCIAL - RPPS ENTIDADES DE PREVIDÊNCIA PRIVADA E COMPLEMENTAR OUTROS ENCARGOS SOCIAIS ENCARGOS SOCIAIS A PAGAR - INTER OFSS - UNIÃO ENCARGOS SOCIAIS A PAGAR FINANCEIRO INSS A PAGAR ENCARGOS PREVIDENCIÁRIOS DO ESTADO FGTS PARCELAMENTOS DE ENCARGOS SOCIAIS A PAGAR À UNIÃO OUTROS ENCARGOS SOCIAIS ENCARGOS SOCIAIS A PAGAR NÃO FINANCEIRO INSS A PAGAR ENCARGOS PREVIDENCIÁRIOS DO ESTADO FGTS PARCELAMENTOS DE ENCARGOS SOCIAIS A PAGAR À UNIÃO OUTROS ENCARGOS SOCIAIS ENCARGOS SOCIAIS A PAGAR - INTER OFSS - ESTADO ENCARGOS SOCIAIS A PAGAR - INTER OFSS - MUNICÍPIO EMPRÉSTIMOS E FINANCIAMENTOS A CURTO PRAZO EMPRÉSTIMOS A CURTO PRAZO - INTERNO EMPRÉSTIMOS A CURTO PRAZO INTERNO - EXTRA OFSS EMPRÉSTIMOS EM TÍTULOS EMPRÉSTIMO EM CONTRATOS EMPRÉSTIMO A CURTO PRAZO INTERNOS - INTRA OFSS EMPRÉSTIMOS A CURTO PRAZO INTERNO - INTER OFSS - UNIÃO EMPRÉSTIMOS A CURTO PRAZO - INTERNO - INTER OFSS - ESTADO EMPRÉSTIMOS A CURTO PRAZO - INTERNO - INTER OFSS - MUNICÍPIO EMPRÉSTIMO A CURTO PRAZO INTERNO - EM TÍTULOS EMPRÉSTIMO EM CURTO PRAZO INTERNO - EM CONTRATOS EMPRÉSTIMOS A CURTO PRAZO - EXTERNO EMPRÉSTIMOS A CURTO PRAZO- EXTERNO EXTRA OFSS

7 EMPRÉSTIMOS EXTERNOS - EM TÍTULOS EMPRÉSTIMOS EXTERNOS - EM CONTRATOS FINANCIAMENTOS A CURTO PRAZO - INTERNO FINANCIAMENTOS A CURTO PRAZO- INTERNO - EXTRA OFSS FINANCIAMENTOS INTERNOS FINANCIAMENTOS A CURTO PRAZO- INTERNO -INTER OFSS - UNIÃO FINANCIAMENTOS A CURTO PRAZO INTERNO - INTER OFSS - ESTADO FINANCIAMENTOS A CURTO PRAZO INTERNO - INTER OFSS - MUNICÍPIO FINANCIAMENTO A CURTO PRAZO - EXTERNO FINANCIAMENTO A CURTO PRAZO - EXTERNO - EXTRA OFSS FINANCIAMENTOS EXTERNOS JUROS E ENCARGOS A PAGAR DE EMPRÉSTIMOS E FINANCIAMENTOS A CURTO PRAZO - INTERNO JUROS E ENCARGOS A PAGAR DE EMPRÉSTIMOS E FINANCIAMENTOS A CURTO PRAZO - INTERNO - EXTRA OFSS JUROS DE CONTRATOS - EMPRÉSTIMOS INTERNOS JUROS DE CONTRATOS - FINANCIAMENTOS INTERNOS JUROS E ENCARGOS A PAGAR DE EMPRÉSTIMOS E FINANCIAMENTOS A CURTO PRAZO INTERNO -INTER OFSS - UNIÃO JUROS DE CONTRATOS - EMPRÉSTIMOS INTERNOS JUROS DE CONTRATOS - FINANCIAMENTOS INTERNOS JUROS E ENCARGOS A PAGAR DE EMPRÉSTIMOS E FINANCIAMENTOS A CURTO PRAZO INTERNO -INTER OFSS - ESTADO JUROS DE CONTRATOS - FINANCIAMENTOS INTERNOS JUROS E ENCARGOS A PAGAR DE EMPRÉSTIMOS E FINANCIAMENTOS A CURTO PRAZO INTERNO -INTER OFSS - MUNICÍPIO JUROS DE CONTRATOS - FINANCIAMENTOS INTERNOS JUROS E ENCARGOS A PAGAR DE EMPRÉSTIMOS E FINANCIAMENTOS A CURTO PRAZO - EXTERNO JUROS E ENCARGOS A PAGAR DE EMPRÉSTIMOS E FINANCIAMENTOS A CURTO PRAZO EXTERNO - EXTRA OFSS JUROS DE CONTRATOS - EMPRÉSTIMOS EXTERNOS JUROS DE CONTRATOS - FINANCIAMENTOS EXTERNOS (-) ENCARGOS FINANCEIROS A APROPRIAR - INTERNO (-) ENCARGOS FINANCEIROS A APROPRIAR INTERNO - EXTRA OFSS ( - ) ENCARGOS PREFIXADOS DE EMPRÉSTIMOS ( - ) ENCARGOS PREFIXADOS DE FINANCIAMENTOS (-) ENCARGOS FINANCEIROS A APROPRIAR INTERNO INTER OFSS - UNIÃO (-) ENCARGOS FINANCEIROS A APROPRIAR INTERNO INTER OFFS - ESTADO (-) ENCARGOS FINANCEIROS A APROPRIAR INTERNO INTER OFSS MUNICÍPIO JUROS E ENCARGOS A PAGAR DE EMPRÉSTIMOS E FINANCIAMENTOS A CURTO PRAZO (-) ENCARGOS FINANCEIROS A APROPRIAR - EXTERNO (-) ENCARGOS FINANCEIROS A APROPRIAR- EXTRA OFSS ( - ) ENCARGOS PREFIXADOS DE EMPRÉSTIMOS ( - ) ENCARGOS PREFIXADOS DE FINANCIAMENTOS FORNECEDORES E CONTAS A PAGAR A CURTO PRAZO FORNECEDORES E CONTAS A PAGAR NACIONAIS A CURTO PRAZO FORNECEDORES E CONTAS A PAGAR NACIONAIS A CURTO PRAZO - EXTRA OFSS FORNECEDORES E CONTAS A PAGAR NACIONAIS A CURTO PRAZO - INTRA OFSS FORNECEDORES E CONTAS A PAGAR NACIONAIS A CURTO PRAZO - INTER OFSS FORNECEDORES E CONTAS A PAGAR ESTRANGEIROS A CURTO PRAZO FORNECEDORES E CONTAS A PAGAR ESTRANGEIROS A CURTO PRAZO - EXTRA OFSS OBRIGAÇÕES FISCAIS A CURTO PRAZO OBRIGAÇÕES FISCAIS A CURTO PRAZO COM A UNIÃO OBRIGAÇÕES FISCAIS A CURTO PRAZO COM A UNIÃO- EXTRA OFSS PIS/PASEP A RECOLHER TRIBUTOS FEDERAIS RENEGOCIADOS OBRIGAÇÕES FISCAIS A CURTO PRAZO COM A UNIÃO - INTER OFSS - UNIÃO OBRIGAÇÕES FISCAIS A CURTO PRAZO COM A UNIÃO - INTER OFSS - ESTADO OBRIGAÇÕES FISCAIS A CURTO PRAZO COM A UNIÃO - INTER OFSS - MUNICÍPIO OBRIGAÇÕES FISCAIS A CURTO PRAZO COM OS ESTADOS OBRIGAÇÕES FISCAIS A CURTO PRAZO COM OS ESTADOS- EXTRA OFSS IPVA A RECOLHER TAXA CONTA INCÊNDIO TAXA DE LICENCIAMENTO ANUAL DE VEÍCULOS TAXA DE LICENCIAMENTO AMBIENTAL OBRIGAÇÕES FISCAIS A CURTO PRAZO COM OS MUNICÍPIOS OBRIGAÇÕES FISCAIS A CURTO PRAZO COM OS MUNICÍPIOS - EXTRA OFSS ISS A RECOLHER IPTU/TLP A RECOLHER TRIBUTOS MUNICIPAIS RENEGOCIADOS TAXA DE LICENCIAMENTO AMBIENTAL OBRIGAÇÕES DE REPARTIÇÃO OBRIGAÇÕES DE REPARTIÇÃO A OUTROS ENTES OBRIGAÇÕES DE REPARTIÇÃO A OUTROS ENTES - INTER OFSS - UNIÃO OBRIGAÇÕES DE REPARTIÇÃO A OUTROS ENTES - INTER OFSS - ESTADO

8 OBRIGAÇÕES DE REPARTIÇÃO A OUTROS ENTES - INTER OFSS - MUNICÍPIO PROVISÕES A CURTO PRAZO PROVISÃO PARA RISCOS TRABALHISTAS A CURTO PRAZO PROVISÃO PARA RISCOS TRABALHISTAS A CURTO PRAZO - EXTRA OFSS PROVISÕES PARA RISCOS FISCAIS A CURTO PRAZO PROVISÕES PARA RISCOS FISCAIS A CURTO PRAZO - EXTRA OFSS PROVISÃO PARA RISCOS CÍVEIS A CURTO PRAZO PROVISÃO PARA RISCOS CÍVEIS A CURTO PRAZO - EXTRA OFSS PROVISÃO PARA REPARTIÇÃO DE CRÉDITOS A CURTO PRAZO PROVISÃO PARA REPARTIÇÃO DE CRÉDITOS A CURTO PRAZO - INTER OFSS - UNIÃO PROVISÃO PARA RISCOS DECORRENTES DE CONTRATOS DE PPP A CURTO PRAZO PROVISÃO PARA RISCOS DECORRENTES DE CONTRATOS DE PPP A CURTO PRAZO- EXTRA OFSS OUTRAS PROVISÕES A CURTO PRAZO OUTRAS PROVISÕES A CURTO PRAZO - EXTRA OFSS OUTRAS PROVISÕES A CURTO PRAZO - INTRA OFSS OUTRAS PROVISÕES A CURTO PRAZO - INTER OFSS DEMAIS OBRIGAÇÕES A CURTO PRAZO ADIANTAMENTOS DE CLIENTES ADIANTAMENTOS DE CLIENTES- EXTRA OFSS OBRIGAÇÕES POR DANOS A TERCEIROS OBRIGAÇÕES POR DANOS A TERCEIROS - EXTRA OFSS ARRENDAMENTO OPERACIONAL A PAGAR ARRENDAMENTO OPERACIONAL A PAGAR- EXTRA OFSS DEBÊNTURES E OUTROS TÍTULOS DE DIVIDA A CURTO PRAZO DEBÊNTURES E OUTROS TÍTULOS DE DIVIDA A CURTO PRAZO- EXTRA OFSS DIVIDENDOS A PAGAR DIVIDENDOS A PAGAR- EXTRA OFSS VALORES RESTITUÍVEIS VALORES RESTITUÍVEIS - EXTRA OFSS CONSIGNAÇÕES GARANTIAS DEPÓSITOS JUDICIAIS DEPÓSITO NÃO JUDICIAIS SUBVENÇÕES E DOAÇÕES PARA INVESTIMENTOS OUTROS VALORES RESTITUÍVEIS VALORES A REPASSAR DO FUNDEB CONVÊNIOS A RESTITUIR VALORES A REPASSAR - DETRAN DEPÓSITOS NÃO IDENTIFICADOS VALORES RESTITUÍVEIS - INTRA OFSS VALORES RESTITUÍVEIS - INTER OFSS UNIÃO CONSIGNAÇÕES OUTRAS OBRIGAÇÕES A CURTO PRAZO OUTRAS OBRIGAÇÕES A CURTO PRAZO - EXTRA OFSS INDENIZAÇÕES E RESTITUIÇÕES CONVÊNIOS A RESTITUIR TERMOS DE PARCERIA A PAGAR PRECATÓRIOS DE TERCEIROS COMPENSAÇÃO PREVIDENCIÁRIA BOLSAS PARA ESTUDOS SERVIÇOS EVENTUAIS - PESSOAL TÉCNICO CONTRATOS DE COOPERAÇÃO TÉCNICA AUXÍLIOS FINANCEIROS A PESQUISADORES SUBVENÇÕES A PAGAR OUTROS CREDORES A CURTO PRAZO OUTROS CREDORES DO EXERCÍCIO OUTROS CREDORES DE EXERCÍCIOS ANTERIORES OUTRAS OBRIGAÇÕES A CURTO PRAZO - INTRA OFSS OUTRAS OBRIGAÇÕES A CURTO PRAZO- INTER OFSS - UNIÃO OUTRAS OBRIGAÇÕES A CURTO PRAZO- INTER OFSS - ESTADO OUTRAS OBRIGAÇÕES A CURTO PRAZO- INTER OFSS - MUNICÍPIO CONVÊNIOS A PAGAR PASSIVO NAO-CIRCULANTE OBRIGAÇÕES TRABALHISTAS, PREVIDENCIÁRIAS E ASSISTENCIAIS A PAGAR A LONGO PRAZO PESSOAL A PAGAR PESSOAL A PAGAR- EXTRA OFSS PRECATÓRIOS DE PESSOAL BENEFÍCIOS PREVIDENCIÁRIOS A PAGAR BENEFÍCIOS PREVIDENCIÁRIOS A PAGAR - EXTRA OFSS

9 BENEFÍCIOS ASSISTENCIAIS A PAGAR BENEFÍCIOS ASSISTENCIAIS A PAGAR - EXTRA OFSS ENCARGOS SOCIAIS A PAGAR ENCARGOS SOCIAIS A PAGAR- EXTRA OFSS INSS A PAGAR CONTRIBUIÇÃO A REGIME PRÓPRIO DE PREVIDÊNCIA (RPPS) OUTROS ENCARGOS SOCIAIS ENCARGOS SOCIAIS A PAGAR - INTRA OFSS CONTRIBUIÇÃO A REGIME PRÓPRIO DE PREVIDÊNCIA (RPPS) ENTIDADES DE PREVIDÊNCIA PRIVADA E COMPLEMENTAR OUTROS ENCARGOS SOCIAIS ENCARGOS SOCIAIS A PAGAR - INTER OFSS - UNIÃO INSS A PAGAR OUTROS ENCARGOS SOCIAIS ENCARGOS SOCIAIS A PAGAR - INTER OFSS - ESTADO ENCARGOS SOCIAIS A PAGAR - INTER OFSS - MUNICÍPIO EMPRÉSTIMOS E FINANCIAMENTOS A LONGO PRAZO EMPRÉSTIMOS A LONGO PRAZO - INTERNO EMPRÉSTIMOS A LONGO PRAZO INTERNO - EXTRA OFSS EM TÍTULOS EM CONTRATOS EMPRÉSTIMOS A LONGO PRAZO - INTRA OFSS EMPRÉSTIMOS A LONGO PRAZO INTERNO - INTER OFSS - UNIÃO EMPRÉSTIMOS A LONGO PRAZO - INTERNO - INTER OFSS - ESTADO EMPRÉSTIMOS A LONGO PRAZO - INTERNO - INTER OFSS - MUNICÍPIO EMPRÉSTIMOS A LONGO PRAZO - EXTERNO EMPRÉSTIMOS A LONGO PRAZO- EXTERNO EXTRA OFSS EM TÍTULOS EM CONTRATOS FINANCIAMENTOS A LONGO PRAZO - INTERNO FINANCIAMENTOS A LONGO PRAZO- INTERNO - EXTRA OFSS FINANCIAMENTOS A LONGO PRAZO- INTERNO -INTER OFSS - UNIÃO FINANCIAMENTOS A LONGO PRAZO INTERNO - INTER OFSS - ESTADO FINANCIAMENTOS A LONGO PRAZO INTERNO - INTER OFSS - MUNICÍPIO FINANCIAMENTOS A LONGO PRAZO - EXTERNO FINANCIAMENTOS A LONGO PRAZO-EXTERNO- CONSOLIDAÇÃO JUROS E ENCARGOS A PAGAR DE EMPRÉSTIMOS E FINANCIAMENTOS A LONGO PRAZO - INTERNO JUROS E ENCARGOS A PAGAR DE EMPRÉSTIMOS E FINANCIAMENTOS A LONGO PRAZO - INTERNO - EXTRA OFSS JUROS E ENCARGOS A PAGAR DE EMPRÉSTIMOS E FINANCIAMENTOS INTERNOS A LONGO PRAZO JUROS E ENCARGOS A PAGAR DE EMPRÉSTIMOS E FINANCIAMENTOS A LONGO PRAZO INTERNO -INTER OFSS - UNIÃO JUROS E ENCARGOS A PAGAR DE EMPRÉSTIMOS E FINANCIAMENTOS INTERNOS A LONGO PRAZO JUROS E ENCARGOS A PAGAR DE EMPRÉSTIMOS E FINANCIAMENTOS A LONGO PRAZO - EXTERNO JUROS E ENCARGOS A PAGAR DE EMPRÉSTIMOS E FINANCIAMENTOS A LONGO PRAZO EXTERNO - EXTRA OFSS JUROS E ENCARGOS A PAGAR DE EMPRÉSTIMOS E FINANCIAMENTOS A LONGO PRAZO (-) ENCARGOS FINANCEIROS A APROPRIAR - INTERNO (-) ENCARGOS FINANCEIROS A APROPRIAR INTERNO - EXTRA OFSS (-) ENCARGOS FINANCEIROS A APROPRIAR (-) ENCARGOS FINANCEIROS A APROPRIAR INTERNO INTER OFSS - UNIÃO (-) ENCARGOS FINANCEIROS A APROPRIAR (-) ENCARGOS FINANCEIROS A APROPRIAR - EXTERNO (-) ENCARGOS FINANCEIROS A APROPRIAR EXTERNO - EXTRA OFSS (-) ENCARGOS FINANCEIROS A APROPRIAR FORNECEDORES A LONGO PRAZO FORNECEDORES NACIONAIS A LONGO PRAZO FORNECEDORES NACIONAIS A LONGO PRAZO - EXTRA OFSS FORNECEDORES ESTRANGEIROS A LONGO PRAZO FORNECEDORES ESTRANGEIROS A LONGO PRAZO - EXTRA OFSS OBRIGAÇÕES FISCAIS A LONGO PRAZO OBRIGAÇÕES FISCAIS A LONGO PRAZO COM A UNIÃO OBRIGAÇÕES FISCAIS A LONGO PRAZO COM A UNIÃO - EXTRA OFSS OBRIGAÇÕES FISCAIS A LONGO PRAZO COM A UNIÃO - INTER OFSS - UNIÃO OBRIGAÇÕES FISCAIS A LONGO PRAZO RENEGOCIADAS OBRIGAÇÕES FISCAIS A LONGO PRAZO COM A UNIÃO - INTER OFSS - ESTADO OBRIGAÇÕES FISCAIS A LONGO PRAZO COM A UNIÃO - INTER OFSS MUNICÍPIO OBRIGAÇÕES FISCAIS A LONGO PRAZO COM OS ESTADOS OBRIGAÇÕES FISCAIS A LONGO PRAZO COM OS ESTADOS - EXTRA OFSS OBRIGAÇÕES FISCAIS A LONGO PRAZO COM OS MUNICÍPIOS OBRIGAÇÕES FISCAIS A LONGO PRAZO COM OS MUNICÍPIOS - EXTRA OFSS PROVISÕES A LONGO PRAZO

10 PROVISÃO PARA RISCOS TRABALHISTAS A LONGO PRAZO PROVISÃO PARA RISCOS TRABALHISTAS A LONGO PRAZO - EXTRA OFSS PROVISÕES MATEMÁTICAS PREVIDENCIÁRIAS A LONGO PRAZO PROVISÕES MATEMÁTICAS PREVIDENCIÁRIAS A LONGO PRAZO - EXTRA OFSS PLANO FINANCEIRO - PROVISÕES DE BENEFÍCIOS CONCEDIDOS PLANO FINANCEIRO - PROVISÕES DE BENEFÍCIOS A CONCEDER PLANO PREVIDENCIÁRIO - PROVISÕES DE BENEFÍCIOS CONCEDIDOS PLANO PREVIDENCIÁRIO - PROVISÕES DE BENEFÍCIOS A CONCEDER PLANO PREVIDENCIÁRIO - PLANO DE AMORTIZAÇÃO PROVISÕES ATUARIAIS PARA AJUSTES DO PLANO FINANCEIRO PROVISÕES ATUARIAIS PARA AJUSTES DO PLANO PREVIDENCIÁRIO PROVISÃO PARA RISCOS FISCAIS A LONGO PRAZO PROVISÃO PARA RISCOS FISCAIS A LONGO PRAZO - EXTRA OFSS PROVISÃO PARA PAGAMENTOS REFERENTES A AUTOS DE INFRAÇÃO PROVISÃO PARA RISCOS CÍVEIS A LONGO PRAZO PROVISÃO PARA RISCOS CÍVEIS A LONGO PRAZO - EXTRA OFSS PROVISÃO PARA REPARTIÇÃO DE CRÉDITOS A LONGO PRAZO PROVISÃO PARA RISCOS DECORRENTES DE CONTRATOS DE PPP A LONGO PRAZO PROVISÃO PARA RISCOS DECORRENTES DE CONTRATOS DE PPP A LONGO PRAZO - EXTRA OFSS OFSS OUTRAS PROVISÕES A LONGO PRAZO OUTRAS PROVISÕES A LONGO PRAZO - EXTRA OFSS DEMAIS OBRIGAÇÕES A LONGO PRAZO ADIANTAMENTOS DE CLIENTES A LONGO PRAZO ADIANTAMENTOS DE CLIENTES A LONGO PRAZO- EXTRA OFSS OBRIGAÇÕES POR DANOS A TERCEIROS A LONGO PRAZO OBRIGAÇÕES POR DANOS A TERCEIROS A LONGO PRAZO - EXTRA OFSS OBRIGAÇÕES POR DANOS A TERCEIROS A LONGO PRAZO -INTRA OFSS OBRIGAÇÕES POR DANOS A TERCEIROS A LONGO PRAZO - INTER OFSS - ESTADO OBRIGAÇÕES POR DANOS A TERCEIROS A LONGO PRAZO - INTER OFSS - MUNICÍPIO DEBÊNTURES E OUTROS TÍTULOS DE DIVIDA A LONGO PRAZO DEBÊNTURES E OUTROS TÍTULOS DE DIVIDA A LONGO PRAZO- EXTRA OFSS ADIANTAMENTO PARA FUTURO AUMENTO DE CAPITAL ADIANTAMENTO PARA FUTURO AUMENTO DE CAPITAL - EXTRA OFSS ADIANTAMENTO PARA FUTURO AUMENTO DE CAPITAL -INTRA OFSS ADIANTAMENTO PARA FUTURO AUMENTO DE CAPITAL - INTER OFSS - ESTADO ADIANTAMENTO PARA FUTURO AUMENTO DE CAPITAL - INTER OFSS - MUNICÍPIO OUTRAS OBRIGAÇÕES A LONGO PRAZO OUTRAS OBRIGAÇÕES A LONGO PRAZO- EXTRA OFSS INDENIZAÇÕES E RESTITUIÇÕES COMPENSAÇÃO PREVIDENCIÁRIA DEPÓSITOS DE TERCEIROS CONTRATOS DE GESTÃO CONTRATOS DE COOPERAÇÃO TÉCNICA OBRIGAÇÕES JUNTO A ENTIDADES FEDERAIS OUTROS CREDORES A LONGO PRAZO OUTRAS OBRIGAÇÕES A LONGO PRAZO - INTRA OFSS INDENIZAÇÕES E RESTITUIÇÕES OUTRAS OBRIGAÇÕES A LONGO PRAZO- INTER OFSS - ESTADO OUTRAS OBRIGAÇÕES A LONGO PRAZO- INTER OFSS - MUNICÍPIO RESULTADO DIFERIDO VARIAÇÃO PATRIMONIAL AUMENTATIVA (VPA) DIFERIDA VARIAÇÃO PATRIMONIAL AUMENTATIVA DIFERIDA - EXTRA OFSS (-) CUSTO DIFERIDO (-) CUSTO DIFERIDO - EXTRA OFSS PATRIMÔNIO LIQUIDO PATRIMÔNIO SOCIAL E CAPITAL SOCIAL PATRIMÔNIO SOCIAL PATRIMÔNIO SOCIAL - EXTRA OFSS CAPITAL SOCIAL REALIZADO CAPITAL SOCIAL REALIZADO - EXTRA OFSS ADIANTAMENTO PARA FUTURO AUMENTO DE CAPITAL ADIANTAMENTO PARA FUTURO AUMENTO DE CAPITAL ADIANTAMENTO PARA FUTURO AUMENTO DE CAPITAL - EXTRA OFSS RESERVAS DE CAPITAL ÁGIO NA EMISSÃO DE AÇÕES ÁGIO NA EMISSÃO DE AÇÕES - EXTRA OFSS ALIENAÇÃO DE PARTES BENEFICIARIAS ALIENAÇÃO DE PARTES BENEFICIARIAS - EXTRA OFSS ALIENAÇÃO DE BÔNUS DE SUBSCRIÇÃO

PLANO DE CONTAS APLICADO AO SETOR PÚBLICO 1.1.1.1.1.01.00 CAIXA D S P F NIS B NENC S N S 1.1.1.1.1.02.00 CONTA ÚNICA D S P F NIS B NENC S N S

PLANO DE CONTAS APLICADO AO SETOR PÚBLICO 1.1.1.1.1.01.00 CAIXA D S P F NIS B NENC S N S 1.1.1.1.1.02.00 CONTA ÚNICA D S P F NIS B NENC S N S NAT. 1.0.0.0.0.00.00 ATIVO N 1.1.0.0.0.00.00 ATIVO CIRCULANTE N 1.1.1.0.0.00.00 CAIXA E EQUIVALENTES DE CAIXA N 1.1.1.1.0.00.00 CAIXA E EQUIVALENTES DE CAIXA EM MOEDA NACIONAL N 1.1.1.1.1.00.00 CAIXA E

Leia mais

Demonstrações Contábeis Aplicadas ao Setor Público - DCASP

Demonstrações Contábeis Aplicadas ao Setor Público - DCASP Secretaria de Estado da Fazenda Coordenação da Administração Financeira do Estado Divisão de Contabilidade Geral Demonstrações Contábeis Aplicadas ao Setor Público - DCASP III. a) Balanço Orçamentário

Leia mais

Anexo 14 - Balanço Patrimonial

Anexo 14 - Balanço Patrimonial Página 1 de 5 CIRCULANTE 9.919.946,74 CIRCULANTE 30.835,00 Caixa e Equivalente de Caixa 93.278,58 Obrigações Trabalhistas, Previdenciárias e Assistenciais a pagar a Curto Créditos a Curto Empréstimos e

Leia mais

Prática - desenvolvimento de sistemas Av. Assis Brasil 1800/302 - Porto Alegre - RS - CEP:91010-001

Prática - desenvolvimento de sistemas Av. Assis Brasil 1800/302 - Porto Alegre - RS - CEP:91010-001 1 ATIVO 1.01 ATIVO CIRCULANTE 1.01.01 DISPONIBILIDADES 1.01.01.01 CAIXA GERAL 1.01.01.01.01 Caixa Matriz 1.01.01.01.02 Caixa Filiais 1.01.01.02 DEPÓSITOS BANCÁRIOS - NO PAÍS 1.01.01.02.01 Bancos Conta

Leia mais

Estado do Rio de Janeiro Plano de Contas 01 a 31 de Janeiro de 2015 Folha: 1 Camara Municipal de Tangua. Unidade Gestora: CÂMARA MUNICIPAL DE TANGUÁ

Estado do Rio de Janeiro Plano de Contas 01 a 31 de Janeiro de 2015 Folha: 1 Camara Municipal de Tangua. Unidade Gestora: CÂMARA MUNICIPAL DE TANGUÁ Estado do Rio de Janeiro Plano de Contas 01 a 31 de Janeiro de 2015 Folha: 1 1.0.0.0.0.00.00.00.00.00 ATIVO 188.517,84D 249.103,95 163.587,81 274.033,98D 1.1.0.0.0.00.00.00.00.00 ATIVO CIRCULANTE 22.816,55D

Leia mais

Elekeiroz S.A. Demonstrações contábeis de acordo com as práticas contábeis adotadas no Brasil e com o IFRS em 31 de dezembro de 2015

Elekeiroz S.A. Demonstrações contábeis de acordo com as práticas contábeis adotadas no Brasil e com o IFRS em 31 de dezembro de 2015 Elekeiroz S.. Demonstrações contábeis de acordo com as práticas contábeis adotadas no Brasil e com o IFRS em 31 de dezembro de 2015 Balanço patrimonial 31 de dezembro de 2015 31 de dezembro de 2014 Passivo

Leia mais

Estado do Rio de Janeiro Plano de Contas 01 a 31 de Março de 2015 Folha: 1 Camara Municipal de Tangua. Unidade Gestora: CÂMARA MUNICIPAL DE TANGUÁ

Estado do Rio de Janeiro Plano de Contas 01 a 31 de Março de 2015 Folha: 1 Camara Municipal de Tangua. Unidade Gestora: CÂMARA MUNICIPAL DE TANGUÁ Estado do Rio de Janeiro Plano de Contas 01 a 31 de Março de 2015 Folha: 1 1.0.0.0.0.00.00.00.00.00 ATIVO 274.420,11D 306.106,05 284.589,88 295.936,28D 1.1.0.0.0.00.00.00.00.00 ATIVO CIRCULANTE 108.718,82D

Leia mais

MODELO DE PLANO DE CONTAS PARA EMPRESAS DE GRANDE PORTE

MODELO DE PLANO DE CONTAS PARA EMPRESAS DE GRANDE PORTE MODELO DE PLANO DE CONTAS PARA EMPRESAS DE GRANDE PORTE Balancete Analítico Trimestral Trimestre Nome da Empresa: Logradouro: Número: Município: Telefone: E-Mail: CNPJ Obs.: prencher somente os campos

Leia mais

CRESS/RJ - 7ª Região Conselho Regional de Serviço Social CNPJ: 33.673.237/0001-92

CRESS/RJ - 7ª Região Conselho Regional de Serviço Social CNPJ: 33.673.237/0001-92 Conselho Regional de Serviço Social CNPJ: 33.673.237/0001-92 Balanço Patrimonial ATIVO PASSIVO ATIVO CIRCULANTE Especificação CAIXA E EQUIVALENTES DE CAIXA CRÉDITOS A CURTO PRAZO Exercício Atual 1.566.424,19

Leia mais

BALANÇO PATRIMONIAL EM 31 DE DEZEMBRO

BALANÇO PATRIMONIAL EM 31 DE DEZEMBRO CIRCULANTE ELETRO BRÁS TERM ONUCLEAR S.A. CNPJ: 42. 540.2 11/0001-67 BALANÇO PATRIMONIAL EM 31 DE DEZEMBRO A T I V O Numerário disponível 15.650 27.050 Aplicações financeiras 104.077 36.869 Concessionárias

Leia mais

Diário Oficial. Índice do diário Outros. Prefeitura Municipal de Ribeira do Amparo. Outros - BALANÇO ANUAL Páginas:

Diário Oficial. Índice do diário Outros. Prefeitura Municipal de Ribeira do Amparo. Outros - BALANÇO ANUAL Páginas: Páginas: 48 Índice do diário Outros Outros - BALANÇO ANUAL 2015 Página 1 Outros Outros BALANÇO ANUAL 2015 - BA (Poder Executivo) DCA-Anexo I-AB Balanço Patrimonial - Ativo e Passivo Padrao Balanço Patrimonial

Leia mais

ANEXO I - PT/MPS Nº 95, DE 06 DE MARÇO DE 2007 DOU DE 07.03.07 ESTRUTURA DO PLANO DE CONTAS

ANEXO I - PT/MPS Nº 95, DE 06 DE MARÇO DE 2007 DOU DE 07.03.07 ESTRUTURA DO PLANO DE CONTAS CÒDIGO SISTEMA DE CONTA ANEXO I - PT/MPS Nº 95, DE 06 DE MARÇO DE 2007 DOU DE 07.03.07 ESTRUTURA DO PLANO DE CONTAS CONTA 1.0.0.0.0.00.00 ATIVO 1.1.0.0.0.00.00 ATIVO CIRCULANTE 1.1.1.0.0.00.00 DISPONÍVEL

Leia mais

BALANÇO PATRIMONIAL EM R$ EM R$

BALANÇO PATRIMONIAL EM R$ EM R$ RELATÓRIO DA DIRETORIA Em cumprimento as disposições legais e estatutárias, apraz-nos apresentar para a devida apreciação o Balanço Patrimonial e Demonstrativos Financeiros, relativo ao exercício findo

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DE SALVADOR Balancete Unidade Gestora

PREFEITURA MUNICIPAL DE SALVADOR Balancete Unidade Gestora Balancete 1 ATIVO 12.779.116,51 D 96.339.184,48 D 89.099.911,87 C 49.339.893,30 D 49.924.653,41 C 145.679.077,78 D 139.024.565,28 C 19.433.629,01 D 1.1 ATIVO CIRCULANTE 2.645.992,11 D 96.309.100,61 D 89.099.911,87

Leia mais

CONSELHO REGIONAL DE CONTABILIDADE - PARA Sistema de Contabilidade BALANCETE DE VERIFICAÇÃO - PATRIMONIAL ATIVO Novembro / 2012.

CONSELHO REGIONAL DE CONTABILIDADE - PARA Sistema de Contabilidade BALANCETE DE VERIFICAÇÃO - PATRIMONIAL ATIVO Novembro / 2012. ATIVO Pág. : 1 1 ATIVO 16.611.913,16 1.144.680,78 1.255.841,25 16.500.752,69 D 1.1 ATIVO CIRCULANTE 6.840.495,36 666.073,17 734.945,16 6.771.623,37 D 1.1.1 CAIXA E EQUIVALENTES DE CAIXA 2.134.620,90 384.925,39

Leia mais

Conselho Regional de Corretores de Imóveis - CRECI / DF SISCONTW - v1.06 Balancete Analítico de Verificação Período: 01/02/2011 a 28/02/2011

Conselho Regional de Corretores de Imóveis - CRECI / DF SISCONTW - v1.06 Balancete Analítico de Verificação Período: 01/02/2011 a 28/02/2011 Folha: 1 2 SISTEMA FINANCEIRO 1.906.387,90D 1.675.420,32 1.499.489,71 2.082.318,51D 2.1 ATIVO FINANCEIRO 2.510.142,26D 661.967,14 609.867,96 2.562.241,44D 2.1.1 DISPONÍVEL 2.505.864,48D 659.552,76 609.805,77

Leia mais

... Classificação Descrição Saldo Anterior Débitos Créditos Saldo Atual. 1.1.1.1.2.01.02.02 Caução Wall Mart Brasil Ltda 84.

... Classificação Descrição Saldo Anterior Débitos Créditos Saldo Atual. 1.1.1.1.2.01.02.02 Caução Wall Mart Brasil Ltda 84. Folha: 1 1 ATIVO 8.691.994.154,02D 1.342.304.403,87 1.179.704.682,09 8.854.593.875,80D 1.1 ATIVO CIRCULANTE 3.466.459.417,09D 1.235.880.022,69 1.139.597.863,30 3.562.741.576,48D 1.1.1 Disponível 1.048.640,92D

Leia mais

Telefone: 067 3248 1040 Página 1 de 11

Telefone: 067 3248 1040 Página 1 de 11 Página 1 de 11 Criado pela Lei nº 047 de 10 de Setembro de 2013. ED. Nº 482/2015 ANO I I I PARAÍSO DAS ÁGUAS MS, QUARTA-FEIRA, 02 DE DEZEMBRO DE 2015 PODER EXECUTIVO MUNICIPAL Prefeito Municipal Ivan da

Leia mais

Total 883.647.943,61 Total 883.647.943,61

Total 883.647.943,61 Total 883.647.943,61 Anexo 01 Demonstrativo da Receita e Despesa Segundo as Categorias Econômicas RECEITA DESPESA RECEITAS CORRENTES DESPESAS CORRENTES RECEITA PATRIMONIAL 2.017.196,11 JUROS E ENCARGOS DA DÍVIDA 0,00 RECEITA

Leia mais

Orçamento de Caixa. Prof. Alexandre Silva de Oliveira, Dr.

Orçamento de Caixa. Prof. Alexandre Silva de Oliveira, Dr. Orçamento de Caixa Prof. Alexandre Silva de Oliveira, Dr. Orçamento de Caixa Conceito: - Conjunto de ingressos e desembolsos de numerários ao longo do período - Representação dinâmica da situação financeira

Leia mais

Avaliação a Distância AD2. Período - 2012/2º. Disciplina: CONTABILIDADE GERAL II. Coordenadora: TEREZA DE JESUS RAMOS DA SILVA

Avaliação a Distância AD2. Período - 2012/2º. Disciplina: CONTABILIDADE GERAL II. Coordenadora: TEREZA DE JESUS RAMOS DA SILVA Fundação Centro de Ciências e Educação Superior a Distância do Estado do Rio de Janeiro Centro de Educação Superior a Distância do Estado do Rio de Janeiro Avaliação a Distância AD2 Período - 2012/2º Disciplina:

Leia mais

TCE - MT Eventos Contábeis de Abertura 1

TCE - MT Eventos Contábeis de Abertura 1 TCE - MT Eventos Contábeis de Abertura 1 1.0 EVENTOS DE ABERTURA 1.1 CAIXA E EQUIVALENTES DE CAIXA D 111XXXXXXXX CAIXA E EQUIVALENTES DE CAIXA F 2 ou 8 D 7211XXXXXXX CONTROLE DA DISPONIBILIDADE DE RECURSOS

Leia mais

PLANO DE CONTAS AUDESP - VERSÃO PARA DEBATES

PLANO DE CONTAS AUDESP - VERSÃO PARA DEBATES 100.000.000 000 ATIVO REGISTRA O SOMATÓRIO DOS VALORES DOS BENS E DIREITOS, AGRUPADOS EM ATIVO CIRCULANTE, REALIZÁVEL A, ATIVO PERMANENTE E ATIVO COMPENSADO. 110.000.000 000 ATIVO CIRCULANTE REGISTRA O

Leia mais

PARANA CAMARA MUNICIPAL DE PEROLA D OESTE Plano Geral de Contas

PARANA CAMARA MUNICIPAL DE PEROLA D OESTE Plano Geral de Contas Página: 1 1101 S 1 N ATIVO 1 1102 S 1.1 N ATIVO CIRCULANTE 2 110 S 1.1.1 N CAIXA E EQUIVALENTES DE CAIXA 110 S 1.1.1.1 N CAIXA E EQUIVALENTES DE CAIXA EM MOEDA NACIONAL 110 S 1.1.1.1.1 N CAIXA E EQUIVALENTES

Leia mais

ORÇAMENTO PROGRAMA QUADRO GERAL DA RECEITA

ORÇAMENTO PROGRAMA QUADRO GERAL DA RECEITA CONSELHO REGIONAL DE FARMÁCIA EXERCÍCIO DO ESTADO 2016 ORÇA PROGRAMA QUADRO GERAL DA RECEITA 5.2 ORÇA APROVADO 5.892.000,00 5.2.1 PREVISÃO DA RECEITA 5.892.000,00 5.2.1.1 PREVISÃO INICIAL DA RECEITA 5.892.000,00

Leia mais

Demonstrações Contábeis

Demonstrações Contábeis Gest ão em Cooper at i vi smo Demonstrações Contábeis Dirceu Granado de Souza Dinâmica Patrimonial Consult & Assess Empresarial www.dinamicapatrimonial.com.br 1 A escrituração contábil e a emissão de relatórios,

Leia mais

MARINGÁ PREVIDÊNCIA PREVIDÊNCIA DOS SERVIDORES PÚBLICOS MUNICIPAIS DE MARINGÁ

MARINGÁ PREVIDÊNCIA PREVIDÊNCIA DOS SERVIDORES PÚBLICOS MUNICIPAIS DE MARINGÁ MARINGÁ PREVIDÊNCIA PREVIDÊNCIA DOS SERVIDORES PÚBLICOS MUNICIPAIS DE MARINGÁ LEGISLAÇÃO Lei Complementar nº 749, de 2008. Lei Complementar nº 771, de 2009. Lei Complementar nº 856, de 2010. Lei Complementar

Leia mais

1 - CÓDIGO CVM 2 - DENOMINAÇÃO SOCIAL 3 - CNPJ 00867-2 LA FONTE PARTICIPAÇÕES S/A 60.543.816/0001-93 3 - CEP 4 - MUNICÍPIO 5 - UF

1 - CÓDIGO CVM 2 - DENOMINAÇÃO SOCIAL 3 - CNPJ 00867-2 LA FONTE PARTICIPAÇÕES S/A 60.543.816/0001-93 3 - CEP 4 - MUNICÍPIO 5 - UF ITR - INFORMAÇÕES TRIMESTRAIS Data-Base - 3/6/26 O REGISTRO NA CVM NÃO IMPLICA QUALQUER APRECIAÇÃO SOBRE A COMPANHIA, SENDO OS SEUS ADMINISTRADORES RESPONSÁVEIS PELA VERACIDADE DAS INFORMAÇÕES PRESTADAS.

Leia mais

CRO/PE Conselho Regional de Odontologia de Pernambuco CNPJ: 11.735.263/0001-65

CRO/PE Conselho Regional de Odontologia de Pernambuco CNPJ: 11.735.263/0001-65 Conselho Regional de Odontologia de Pernambuco CNPJ: 11.735.263/0001-65 Balancete Conta Anterior Débitos Créditos 1 - ATIVO 4.616.103,84D 823.206,08 747.448,36 4.691.861,56D 1.1 - ATIVO CIRCULANTE 3.851.305,39D

Leia mais

PROVA DE CONHECIMENTOS ESPECÍFICOS CÓD. 14

PROVA DE CONHECIMENTOS ESPECÍFICOS CÓD. 14 1 Prezado(a) candidato(a): Assine e coloque seu número de inscrição no quadro abaixo. Preencha, com traços firmes, o espaço reservado a cada opção na folha de resposta. Nº de Inscrição Nome PROVA DE CONHECIMENTOS

Leia mais

CRO/PE Conselho Regional de Odontologia de Pernambuco CNPJ: 11.735.263/0001-65

CRO/PE Conselho Regional de Odontologia de Pernambuco CNPJ: 11.735.263/0001-65 Conselho Regional de Odontologia de Pernambuco CNPJ: 11.735.263/0001-65 Balancete Conta Anterior Débitos Créditos 1 - ATIVO 4.424.204,80D 1.347.894,06 1.155.995,02 4.616.103,84D 1.1 - ATIVO CIRCULANTE

Leia mais

FUNDO MUNICIPAL DE ASSISTENCIA SOCIAL DE SANHARO Demonstrativo Contábil da lei nº 4.320, de 17 de março de (Modelo NBCASP)

FUNDO MUNICIPAL DE ASSISTENCIA SOCIAL DE SANHARO Demonstrativo Contábil da lei nº 4.320, de 17 de março de (Modelo NBCASP) Exercício: 2015 ATIVO CIRCULANTE ATIVO FUNDO MUNICIPAL DE ASSISTENCIA SOCIAL DE SANHARO PASSIVO CIRCULANTE PASSIVO Data de emissão: 14/03/2016 P. Contas: PCASP-PE CAIXA E EQUIVALENTES DE CAIXA 136.310,58

Leia mais

Serviço Autônomo de Água e Esgoto

Serviço Autônomo de Água e Esgoto 1.0.0.0.0.00.00 Ativo 47.847.241,97 2.918.524,45 2.359.963,02 48.442.859,64 1.1.0.0.0.00.00 Ativo Circulante 4.019.462,20 917.703,39 820.794,61 4.116.370,98 1.1.1.0.0.00.00 Disponível 3.018.543,61 497.836,30

Leia mais

CRO/RJ. Comparativo da Despesa Paga. Conselho Regional de Odontologia CNPJ: 33.947.102/0001-78. Página:1/5. Abono Pecuniário de Férias (10 dias)

CRO/RJ. Comparativo da Despesa Paga. Conselho Regional de Odontologia CNPJ: 33.947.102/0001-78. Página:1/5. Abono Pecuniário de Férias (10 dias) Conselho Regional de Odontologia CNPJ: 33.947.102/0001-78 Comparativo da Paga CRÉDITO DISPONÍVEL DA DESPESA 14.622.545,78 505.442,23 CRÉDITO DISPONÍVEL DESPESA CORRENTE 14.569.359,98 14.065.734,75 14.065.734,75

Leia mais

1 - CÓDIGO CVM 2 - DENOMINAÇÃO SOCIAL 3 - CNPJ 02221-7 BRASIL INSURANCE PART. E ADM. S.A. 11.721.921/0001-60 3 - CEP 4 - MUNICÍPIO 5 - UF

1 - CÓDIGO CVM 2 - DENOMINAÇÃO SOCIAL 3 - CNPJ 02221-7 BRASIL INSURANCE PART. E ADM. S.A. 11.721.921/0001-60 3 - CEP 4 - MUNICÍPIO 5 - UF ITR - INFORMAÇÕES TRIMESTRAIS Data-Base - 3/9/21 O REGISTRO NA CVM NÃO IMPLICA QUALQUER APRECIAÇÃO SOBRE A COMPANHIA, SENDO OS SEUS ADMINISTRADORES RESPONSÁVEIS PELA VERACIDADE DAS INFORMAÇÕES PRESTADAS.

Leia mais

Plano de Contas Aplicado ao Setor Público 1

Plano de Contas Aplicado ao Setor Público 1 Plano de ontas Aplicado ao Setor Público 1 Legenda dos níveis de desdobramento: 1 Nível lasse 2º Nível Grupo 3º Nível Subgrupo 4º Nível Título 5º Nível Subtítulo 6º Nível Item 7º Nível - Subitem As contas

Leia mais

MARINGÁ PREVIDÊNCIA PREVIDÊNCIA DOS SERVIDORES PÚBLICOS MUNICIPAIS DE MARINGÁ

MARINGÁ PREVIDÊNCIA PREVIDÊNCIA DOS SERVIDORES PÚBLICOS MUNICIPAIS DE MARINGÁ MARINGÁ PREVIDÊNCIA PREVIDÊNCIA DOS SERVIDORES PÚBLICOS MUNICIPAIS DE MARINGÁ LEGISLAÇÃO Lei Complementar nº 749, de 2008. Lei Complementar nº 771, de 2009. Lei Complementar nº 856, de 2010. Lei Complementar

Leia mais

É com uma grande satisfação que apresentamos para vocês um Plano de Contas Atualizado para Provas de Contabilidade Geral (Contas Patrimoniais).

É com uma grande satisfação que apresentamos para vocês um Plano de Contas Atualizado para Provas de Contabilidade Geral (Contas Patrimoniais). Olá, meus amigos! Tudo bem? É com uma grande satisfação que apresentamos para vocês um Plano de Contas Atualizado para Provas de Contabilidade Geral (Contas Patrimoniais). O plano foi elaborado pelo nosso

Leia mais

NOTAS EXPLICATIVAS ÀS DEMONSTRAÇÕES CONTÁBEIS EM 31 DE DEZEMBRO DE 2010 E 2009

NOTAS EXPLICATIVAS ÀS DEMONSTRAÇÕES CONTÁBEIS EM 31 DE DEZEMBRO DE 2010 E 2009 NOTAS EXPLICATIVAS ÀS DEMONSTRAÇÕES CONTÁBEIS EM 31 DE DEZEMBRO DE 2010 E 2009 1. CONTEXTO OPERACIONAL O Conselho Federal de Contabilidade (CFC) foi criado pelo Decreto-Lei nº 9.295/46, com alterações,

Leia mais

MARINGÁ PREVIDÊNCIA PREVIDÊNCIA DOS SERVIDORES PÚBLICOS MUNICIPAIS DE MARINGÁ

MARINGÁ PREVIDÊNCIA PREVIDÊNCIA DOS SERVIDORES PÚBLICOS MUNICIPAIS DE MARINGÁ MARINGÁ PREVIDÊNCIA PREVIDÊNCIA DOS SERVIDORES PÚBLICOS MUNICIPAIS DE MARINGÁ LEGISLAÇÃO Lei Complementar nº 749, de 2008. Lei Complementar nº 771, de 2009. Lei Complementar nº 856, de 2010. Lei Complementar

Leia mais

Companhia de Serviço de Água, Esgoto e Resíduos de Guaratinguetá Rua Xavantes, 1.880 - Jd. Aeroporto - 12512-010 CNPJ: 09.134.

Companhia de Serviço de Água, Esgoto e Resíduos de Guaratinguetá Rua Xavantes, 1.880 - Jd. Aeroporto - 12512-010 CNPJ: 09.134. Demonstrativo da Execução da Liquidada Paga a 1.1.4.01.000000 Impostos a Recuperar 566,12 1.039,33 1.1.4.01.000002 IRPJ a Recuperar (0023-6) 1.1.4.01.000003 CSLL a Recuperar (0024-1) 1.1.4.01.000004 COFINS

Leia mais

GIFE - Grupo de Institutos, Fundações e Empresas Demonstrações financeiras em 31 de dezembro de 2005 e de 2004 e parecer dos auditores independentes

GIFE - Grupo de Institutos, Fundações e Empresas Demonstrações financeiras em 31 de dezembro de 2005 e de 2004 e parecer dos auditores independentes GIFE - Grupo de Institutos, Fundações e Empresas Demonstrações financeiras em 31 de dezembro de 2005 e de 2004 e parecer dos auditores independentes Parecer dos auditores independentes Aos Administradores

Leia mais

CONTABILIDADE GERAL PARA AUDITOR-FISCAL DA RFB

CONTABILIDADE GERAL PARA AUDITOR-FISCAL DA RFB CONTABILIDADE GERAL PARA AUDITOR-FISCAL DA RFB Prof. Marcondes Fortaleza Professor Marcondes Fortaleza Auditor-Fiscal da Receita Federal do Brasil, tendo exercido anteriormente o cargo de Analista-Tributário

Leia mais

ASSOCIAÇÃO ATLÉTICA BANCO DO BRASIL Emissão: 24/03/16 14:24 Balancete. Folha: 1 Período: 01/01/16 a 31/01/16. Saldo Anterior.

ASSOCIAÇÃO ATLÉTICA BANCO DO BRASIL Emissão: 24/03/16 14:24 Balancete. Folha: 1 Período: 01/01/16 a 31/01/16. Saldo Anterior. Folha: 1 Débitos Créditos Atual A T I V O ATIVO CIRCULANTE DISPONIVEL Caixa 6.445,20 56.739,37 60.742,77 2.441,80 ** total de DISPONIVEL 6.445,20 56.739,37 60.742,77 2.441,80 BANCOS CONTA MOVIMENTO Banco

Leia mais

Valores expressos em reais BALANÇO PATRIMONIAL

Valores expressos em reais BALANÇO PATRIMONIAL CONSELHO REGIONAL DE CONTABILIDADE DO ESTADO DE SÃO PAULO CNPJ 63.002.141/0001-63 DEMONSTRAÇÕES CONTÁBEIS RELATIVAS AO EXERCÍCIO SOCIAL ENCERRADO EM 31/12/2014 Valores expressos em reais BALANÇO PATRIMONIAL

Leia mais

Plano de Contas Referencial Imunes e Isentas até 2014

Plano de Contas Referencial Imunes e Isentas até 2014 Plano de Contas Referencial Imunes e Isentas até 2014 CÓDIGO DESCRIÇÃO DT_INI DT_FIM TIPO CONTA SUPERIOR NÍVEL NATUREZA 1 ATIVO 01012014 S 1 01 1.01 ATIVO CIRCULANTE 01012014 S 1 2 01 1.01.01 DISPONIBILIDADES

Leia mais

CONSELHO REGIONAL DE CONTABILIDADE - PARANA Sistema de Contabilidade BALANCETE DE VERIFICAÇÃO - PATRIMONIAL ATIVO Novembro / 2016.

CONSELHO REGIONAL DE CONTABILIDADE - PARANA Sistema de Contabilidade BALANCETE DE VERIFICAÇÃO - PATRIMONIAL ATIVO Novembro / 2016. ATIVO Pág. : 1 Anterior... Débito...... Crédito... 1 ATIVO 43.958.761,78 1.844.249,50 2.782.292,85 43.020.718,43 D 1.1 ATIVO CIRCULANTE 19.160.546,58 1.449.176,24 2.354.991,47 18.254.731,35 D 1.1.1 CAIXA

Leia mais

ITR - Informações Trimestrais - 31/03/2011 - PORTO SEGURO SA Versão : 1. Composição do Capital 1. Balanço Patrimonial Ativo 2

ITR - Informações Trimestrais - 31/03/2011 - PORTO SEGURO SA Versão : 1. Composição do Capital 1. Balanço Patrimonial Ativo 2 Índice Dados da Empresa Composição do Capital 1 DFs Individuais Balanço Patrimonial Ativo 2 Balanço Patrimonial Passivo 3 Demonstração do Resultado 4 Demonstração do Resultado Abrangente 5 Demonstração

Leia mais

PROFESSOR DOCENTE I - CONTABILIDADE CONHECIMENTOS ESPECÍFICOS. Com base nas informações abaixo, responda às questões de nº 26 a 30.

PROFESSOR DOCENTE I - CONTABILIDADE CONHECIMENTOS ESPECÍFICOS. Com base nas informações abaixo, responda às questões de nº 26 a 30. CONHECIMENTOS ESPECÍFICOS Com base nas informações abaixo, responda às questões de nº 26 a 30. ELEMENTOS DE GASTOS VALOR EM R$ Matéria-prima consumida 10.000 Aluguel da loja comercial 5.000 Energia da

Leia mais

PLANO DE CONTAS - RECEITAS - 2011

PLANO DE CONTAS - RECEITAS - 2011 1000.00.00 Receitas Correntes Sintética 1100.00.00 Receita Tributária Sintética 1110.00.00 Impostos Sintética 1112.00.00 Impostos sobre o Patrimônio e a Renda Sintética 1112.01.00 ITR - Imposto sobre a

Leia mais

Sumário. Capítulo 1. Conceitos Básicos...1. Cap00.indd 17 17/06/2013 16:40:51

Sumário. Capítulo 1. Conceitos Básicos...1. Cap00.indd 17 17/06/2013 16:40:51 Sumário Capítulo 1 Conceitos Básicos...1 1. Contabilidade...1 1.1. Conceitos...1 1.2. Campo de Aplicação...2 1.3. Funções da Contabilidade...2 1.4. Usuários da Informação Contábil...3 1.5. Técnicas Contábeis

Leia mais

Oficina Técnica. Demonstrações do Fluxo de Caixa (Resolução CFC 1296/2010) Março 2012. Elaborado por: Luciano Perrone

Oficina Técnica. Demonstrações do Fluxo de Caixa (Resolução CFC 1296/2010) Março 2012. Elaborado por: Luciano Perrone Conselho Regional de Contabilidade do Estado de São Paulo Tel. (11) 3824-5400, 3824-5433 (teleatendimento), fax (11) 3824-5487 Email: desenvolvimento@crcsp.org.br web: www.crcsp.org.br Rua Rosa e Silva,

Leia mais

****************************************************( XXXXX )****************************************************

****************************************************( XXXXX )**************************************************** Balancete Analítico de 01/02/2016 até 29/02/2016 Diário:26 Folha: 1 ATIVO - [12439] ATIVO CIRCULANTE - [12446] Disponivel - [12453] Caixa e Equivalentes de caixa - [13311] Caixa - [12467] Caixa Econômica

Leia mais

ROSSI RESIDENCIAL S. A. COMENTÁRIOS SOBRE O DESEMPENHO CONSOLIDADO NO PRIMEIRO TRIMESTRE DE 2.003

ROSSI RESIDENCIAL S. A. COMENTÁRIOS SOBRE O DESEMPENHO CONSOLIDADO NO PRIMEIRO TRIMESTRE DE 2.003 ROSSI RESIDENCIAL S. A. COMENTÁRIOS SOBRE O DESEMPENHO CONSOLIDADO NO PRIMEIRO TRIMESTRE DE 2.003 PRODUTOS, LANÇAMENTOS E PERFORMANCE COMERCIAL: Durante o primeiro trimestre de 2003, a Rossi Residencial

Leia mais

USP-FEA Curso de Administração Disciplina: EAC0111 Noções de Contabilidade para Administradores. Quais são os objetivos do tópico...

USP-FEA Curso de Administração Disciplina: EAC0111 Noções de Contabilidade para Administradores. Quais são os objetivos do tópico... USP-FEA Curso de Administração Disciplina: EAC0111 Noções de Contabilidade para Administradores TEMA 09. Dem. Fluxos de Profa. Dra. Joanília Cia (joanilia@usp.br) 1 Quais são os objetivos do tópico...

Leia mais

Minicurso TCE/PA. Contabilidade Aplicada ao Setor Público. Plano de Contas Aplicado ao Setor Público - PCASP. w w w. g e s t a o p u b l i c a..

Minicurso TCE/PA. Contabilidade Aplicada ao Setor Público. Plano de Contas Aplicado ao Setor Público - PCASP. w w w. g e s t a o p u b l i c a.. Contabilidade Aplicada ao Setor Público Minicurso TCE/PA Plano de Contas Aplicado ao Setor Público - PCASP Paulo Henrique Feijó paulo.feijo@financaspublicas.pro.br Lógica do Registro Contábil 1 Ativo 1.1-

Leia mais

BALANÇO PATRIMONIAL - ANEXO 14

BALANÇO PATRIMONIAL - ANEXO 14 ATIVO Exercício Atual PASSIVO Exercício Atual ATIVO CIRCULANTE 652.201,35 PASSIVO CIRCULANTE 236.288,68 Caixa e Equivalentes de Caixa 652.201,35 Obrigações Trabalhistas, Previdenciárias e Assistenciais

Leia mais

TABELA DE COMPATIBILIZAÇÃO DAS FONTES DE RECURSOS VÁLIDO A PARTIR DE 2013

TABELA DE COMPATIBILIZAÇÃO DAS FONTES DE RECURSOS VÁLIDO A PARTIR DE 2013 1000.00.00 Receitas Correntes Sintética 1100.00.00 Receita Tributária Sintética 1110.00.00 Impostos Sintética 1112.00.00 Impostos sobre o Patrimônio e a Renda Sintética 1112.01.00 ITR - Imposto sobre a

Leia mais

I BALANÇO SINTÉTICO 1 II PARTICIPAÇÃO SOCIETÁRIA 4 III COMPOSIÇÃO DO CAPITAL 5 IV HISTÓRICO DAS CONTAS 6 V HISTÓRICO DE INDICADORES 9

I BALANÇO SINTÉTICO 1 II PARTICIPAÇÃO SOCIETÁRIA 4 III COMPOSIÇÃO DO CAPITAL 5 IV HISTÓRICO DAS CONTAS 6 V HISTÓRICO DE INDICADORES 9 ÍNDICE I BALANÇO SINTÉTICO 1 II PARTICIPAÇÃO SOCIETÁRIA 4 III COMPOSIÇÃO DO CAPITAL 5 IV HISTÓRICO DAS CONTAS 6 V HISTÓRICO DE INDICADORES 9 VI MERCADO DE AÇÕES 10 VII INFORME INSTITUCIONAL 11 DF/DFR Av.

Leia mais

ELABORAÇÃO DAS DEMONSTRAÇÕES CONTÁBEIS Balanço Patrimonial e DRE. Prof. Isidro

ELABORAÇÃO DAS DEMONSTRAÇÕES CONTÁBEIS Balanço Patrimonial e DRE. Prof. Isidro ELABORAÇÃO DAS DEMONSTRAÇÕES CONTÁBEIS Balanço Patrimonial e DRE Prof. Isidro BALANÇO PATRIMONIAL O equilíbrio do patrimônio A igualdade patrimonial Liquidez O Modelo da Empresa com base no Balanço Patrimonial

Leia mais

BALANÇO PATRIMONIAL - ANEXO 14

BALANÇO PATRIMONIAL - ANEXO 14 ATIVO Exercício Atual PASSIVO Exercício Atual ATIVO CIRCULANTE Caixa e Equivalentes de Caixa 4.161.540,37 Créditos a Curto Prazo PASSIVO CIRCULANTE Obrigações Trabalhistas, Previdenciárias e Assistenciais

Leia mais

TABELA DE CODIFICAÇÃO DAS RECEITAS VÁLIDO A PARTIR DE 2015

TABELA DE CODIFICAÇÃO DAS RECEITAS VÁLIDO A PARTIR DE 2015 1000.00.00 Receitas Correntes Sintética 1100.00.00 Receita Tributária Sintética 1110.00.00 Impostos Sintética 1112.00.00 Impostos sobre o Patrimônio e a Renda Sintética 1112.01.00 ITR - Imposto sobre a

Leia mais

EXERCÍCIO ATUAL EXERCÍCIO ANTERIOR , ,74

EXERCÍCIO ATUAL EXERCÍCIO ANTERIOR , ,74 Exercício: 2016 ATIVO PASSIVO P. Contas: PCASP-MT ATIVO CIRCULANTE 26.207.425,30 20.241.077,60 PASSIVO CIRCULANTE 2.156,60 32.388,83 CAIXA E EQUIVALENTES DE CAIXA 9.369.218,52 20.144.796,74 OBRIGACOES

Leia mais

SEFAZ/PE. Pessoal, vou comentar as questões da prova.

SEFAZ/PE. Pessoal, vou comentar as questões da prova. SEFAZ/PE Pessoal, vou comentar as questões da prova. 61. Sobre os Princípios de Contabilidade sob a Perspectiva do Setor Público, considere: I. O Princípio da Entidade se afirma, para o ente público, pela

Leia mais

INSTRUÇÃO NORMATIVA Nº 05/2011

INSTRUÇÃO NORMATIVA Nº 05/2011 INSTRUÇÃO NORMATIVA Nº 05/2011 Dispõe sobre a padronização dos códigos de receita, despesa, fonte e destinação de recursos para fins de prestação de contas, controle e acompanhamento da execução orçamentária

Leia mais

DFP - Demonstrações Financeiras Padronizadas - 31/12/2012 - GRAZZIOTIN SA Versão : 1. Composição do Capital 1. Proventos em Dinheiro 2

DFP - Demonstrações Financeiras Padronizadas - 31/12/2012 - GRAZZIOTIN SA Versão : 1. Composição do Capital 1. Proventos em Dinheiro 2 Índice Dados da Empresa Composição do Capital 1 Proventos em Dinheiro 2 DFs Individuais Balanço Patrimonial Ativo 3 Balanço Patrimonial Passivo 5 Demonstração do Resultado 7 Demonstração do Resultado Abrangente

Leia mais

Plano de Contas Aplicado ao Setor Público

Plano de Contas Aplicado ao Setor Público Plano de Contas Aplicado ao Setor Público Coordenação Geral de Normas de Contabilidade Aplicadas à Federação STN/CCONF Última Atualização: 28/02/2012 Programa do Módulo Módulo VIII Plano de Contas Aplicado

Leia mais

BALANÇO PATRIMONIAL DOS PERÍODOS FINDOS EM 30 DE JUNHO (em milhares de reais)

BALANÇO PATRIMONIAL DOS PERÍODOS FINDOS EM 30 DE JUNHO (em milhares de reais) CIRCULANTE BALANÇO PATRIMONIAL DOS PERÍODOS FINDOS EM 30 DE JUNHO (em milhares de reais) ATIVO CONSOLIDADO 2008 2007 2008 2007 Numerário disponível 1.265 2.072 5.915 6.418 Aplicações no mercado aberto

Leia mais

A Contabilidade Aplicada ao Setor Público: Dimensão Patrimonial e Ambiente da Convergência. Professor João Eudes Bezerra Filho

A Contabilidade Aplicada ao Setor Público: Dimensão Patrimonial e Ambiente da Convergência. Professor João Eudes Bezerra Filho A Contabilidade Aplicada ao Setor Público: Dimensão Patrimonial e Ambiente da Convergência Professor João Eudes Bezerra Filho DIAGNÓSTICO: CENÁRIO ATUAL DIMENSÃO CONTABILIDADE PATRIMONIAL ATIVO FINANCEIRO

Leia mais

Estado do Parana Plano de Contas 01 de Janeiro de 2015 Folha: 1 Camara Municipal Cruzeiro do Oeste

Estado do Parana Plano de Contas 01 de Janeiro de 2015 Folha: 1 Camara Municipal Cruzeiro do Oeste Estado do Parana Plano de Contas 01 de Janeiro de 2015 Folha: 1 1.0.0.0.0.00.00.00.00.00.00.00 ATIVO 502.662,01 D 502.662,01 D 1.1.0.0.0.00.00.00.00.00.00.00 ATIVO CIRCULANTE 0,00 0,00 1.1.1.0.0.00.00.00.00.00.00.00

Leia mais

Parte I A Resolver todas as questões propostas na folha.

Parte I A Resolver todas as questões propostas na folha. Parte I A Resolver todas as questões propostas na folha. 1. Defina origens e aplicação de recursos. 2. O que o Capital representa para as empresas? 3. Quem são as Contas de Resultado? 4. Dê a definição

Leia mais

Titulos Saldo --- Movimento Completo --- Saldo Anterior Debitos Creditos Atual

Titulos Saldo --- Movimento Completo --- Saldo Anterior Debitos Creditos Atual Estado do Parana Plano de Contas 01 de Janeiro a 31 de Dezembro de 2015 Folha: 1 1.0.0.0.0.00.00.00.00.00.00.00 ATIVO 94.844,52 D 2.450.807,74 2.378.775,15 166.877,11 D 1.1.0.0.0.00.00.00.00.00.00.00 ATIVO

Leia mais

Prefeitura Municipal de Santa Monica

Prefeitura Municipal de Santa Monica FINANCEIRO DISPONÍVEL BANCOS CONTA MOVIMENTO BB C/C I.T.R. - 10180-X BB C/C - FDO EXPORTAÇÃO - 2831430 BB C/C - I.P.V.A. - 9352-1 BB C/C - IPI EXPORT- ESTADO - 69981 BB C/C - CEX COMP FIN ESF EXP - 8041-1

Leia mais

Universidade Estadual Paulista "Júlio de Mesquita

Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Universidade Estadual Paulista "Júlio de Mesquita 10061 - UNESP CONSOLIDADA CONTABILIDADE GERAL - PLANO DE CONTAS DO PCASP - GERAL 2014 1 ATIVO T 1.1 ATIVO CIRCULANTE T 1.1.1 CAIXA E EQUIVALENTES DE CAIXA

Leia mais

Prof. a Germana Chaves

Prof. a Germana Chaves Aula 3 CONTAS 1. CONTA: é um título que identifica um elemento patrimonial com características semelhantes (bem, direito, obrigação ou PL) ou uma variação patrimonial (receitas e despesas). * Conta sintética:

Leia mais

Estado do Rio Grande do Sul Plano de Contas 01 a 30 de Abril de 2016 Folha: 1 Prefeitura Municipal Demonstracao. Unidade Gestora: CONSÓRCIO - CISGA

Estado do Rio Grande do Sul Plano de Contas 01 a 30 de Abril de 2016 Folha: 1 Prefeitura Municipal Demonstracao. Unidade Gestora: CONSÓRCIO - CISGA Estado do Rio Grande do Sul Plano de Contas 01 a 30 de Abril de 2016 Folha: 1 1.0.0.0.0.00.00.00.00.00 ATIVO 994.183,15 D 181.380,01 162.761,34 1.012.801,82 D 1.1.0.0.0.00.00.00.00.00 ATIVO CIRCULANTE

Leia mais

DECLARAÇÃO DE BENS E VALORES

DECLARAÇÃO DE BENS E VALORES MINISTÉRIO DA JUSTIÇA DEPARTAMENTO DE POLÍCIA RODOVIÁRIA FEDERAL DECLARAÇÃO DE BENS E VALORES (Lei nº 8.429/92 e Decreto nº 5.483/05) Declaração de Ingresso Preencher os itens 1, 2, 8, 9, 11 e 12 Declaração

Leia mais

BALANÇO EM 2014.12.31 BRUTO E PROVISÕES LÍQUIDO LÍQUIDO VALOR VALOR

BALANÇO EM 2014.12.31 BRUTO E PROVISÕES LÍQUIDO LÍQUIDO VALOR VALOR BALANÇO EM 2014.12.31 2014 2013 2014 2013 DESCRIÇÃO ACTIVO AMORTIZAÇÕES ACTIVO ACTIVO DESCRIÇÃO BRUTO E PROVISÕES LÍQUIDO LÍQUIDO VALOR VALOR IMOBILIZAÇÕES FUNDOS CORPÓREAS - Jóias 19 031,21 18 891,21

Leia mais

ANEXO I CRONOGRAMA DE AÇÕES PARA IMPLEMENTAÇÃO DA CONTABILIDADE APLICADA AO SETOR PÚBLICO

ANEXO I CRONOGRAMA DE AÇÕES PARA IMPLEMENTAÇÃO DA CONTABILIDADE APLICADA AO SETOR PÚBLICO ANEXO I CRONOGRAMA DE AÇÕES PARA IMPLEMENTAÇÃO DA CONTABILIDADE APLICADA AO SETOR PÚBLICO I - Reconhecimento, mensuração e evidenciação dos créditos, tributários

Leia mais

BALANÇO PATRIMONIAL GRUPO E SUBGRUPOS

BALANÇO PATRIMONIAL GRUPO E SUBGRUPOS U N I V E R S I D A D E E S T A D U A L D E G O I Á S (Criada pela Lei n.º 13.456 de 16 de abril de 1999, publicada no DOE - GO de 20 de abril de 1999) UNIDADE UNIVERSITÁRIA DE CIÊNCIAS SÓCIO-ECONÔMICAS

Leia mais

Plano de Contas Aplicado ao Setor Público 1

Plano de Contas Aplicado ao Setor Público 1 Plano de ontas Aplicado ao Setor Público 1 Legenda dos níveis de desdobramento: 1 Nível lasse 2º Nível Grupo 3º Nível Subgrupo 4º Nível Título 5º Nível Subtítulo 6º Nível Item 7º Nível - Subitem As contas

Leia mais

CONSELHO DE ARQUITETURA E URBANISMO DO RIO DE JANEIRO - CAU / RJ BALANCETE DE JANEIRO DE 2013

CONSELHO DE ARQUITETURA E URBANISMO DO RIO DE JANEIRO - CAU / RJ BALANCETE DE JANEIRO DE 2013 BALANCETE DE JANEIRO DE 2013 ATIVO 9.854.457,63 ATIVO CIRCULANTE 9.658.703,72 Disponível Vinculado C/C Bancária 4.989.235,75 Créditos a Receber do Exercício 4.635.067,97 Demais Créditos e Valores a Curto

Leia mais

ALINHAMENTO TÉCNICO E PEDAGÓGICO EM DEMONSTRATIVOS FISCAIS

ALINHAMENTO TÉCNICO E PEDAGÓGICO EM DEMONSTRATIVOS FISCAIS Subsecretaria de Contabilidade Coordenação-Geral de Normas de Contabilidade Aplicada à Federação ALINHAMENTO TÉCNICO E PEDAGÓGICO EM DEMONSTRATIVOS FISCAIS Resultado Primário e Resultado Nominal Programa

Leia mais

Demonstrações Contábeis

Demonstrações Contábeis Subsecretaria de Contabilidade Pública SUCON Contabilidade-Geral de Contabilidade e Custos da União CCONT Demonstrações Contábeis Encontro sobre Normas de Encerramento do Exercício de 2015 e Abertura do

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DE TANGARA DA SERRA

PREFEITURA MUNICIPAL DE TANGARA DA SERRA Página: 1 de 9 000001 1 0 0 0 0 00 00 00 ATIVO 69.855.136,11 D 18.737.242,74 20.259.144,48 000002 1 1 0 0 0 00 00 00 ATIVO CIRCULANTE 57.737.284,92 D 18.734.365,74 20.259.144,48 000003 1 1 1 0 0 00 00

Leia mais

Manual de Contabilidade Aplicada ao Setor Público Distrito Federal. Manual Simplificado SIGGO 2014. 2ª Edição

Manual de Contabilidade Aplicada ao Setor Público Distrito Federal. Manual Simplificado SIGGO 2014. 2ª Edição Manual de Contabilidade Aplicada ao Setor Público Distrito Federal Manual Simplificado SIGGO 2014 2ª Edição Março/2014 Subsecretaria de Contabilidade COPROT Subsecretaria de Contabilidade COPROT Manual

Leia mais

Modelo de Plano de Contas Detalhado

Modelo de Plano de Contas Detalhado Modelo de Plano de Contas Detalhado Código da Conta Descrição da Conta 1. A T I V O 1.1 ATIVO CIRCULANTE 1.1.01 DISPONÍVEL 1.1.01.01 Caixa 1.1.01.02 Bancos c/ Movimento 1.1 01.03 Aplicações Financeiras

Leia mais

PROVOU 2016. 5. ENTREGA DO MATERIAL E GABARITO: Ao retirar-se da sala, você deverá entregar o cartão de respostas.

PROVOU 2016. 5. ENTREGA DO MATERIAL E GABARITO: Ao retirar-se da sala, você deverá entregar o cartão de respostas. UNIOESTE Universidade Estadual do Oeste do Paraná Processo Seletivo para Ocupação de Vagas Remanescentes nos Cursos de Graduação PROVOU 2016 OBSERVAÇÕES IMPORTANTES: 1. PROVAS: Este caderno contém a prova

Leia mais

4. Apure o valor da depreciação acumulada em 31/12/20015, sendo dados:

4. Apure o valor da depreciação acumulada em 31/12/20015, sendo dados: 1. Classifique os itens abaixo em: bens, direitos ou obrigações item bens direito obrigação Empréstimos a receber Dinheiro em caixa Dinheiro depositado no banco veículos biblioteca Salários a pagar estoques

Leia mais

Proposta de Harmonização Demonstrativo do Resultado Primário dos Estados, DF e Municípios

Proposta de Harmonização Demonstrativo do Resultado Primário dos Estados, DF e Municípios Proposta de Harmonização Demonstrativo do Resultado Primário dos Estados, DF e Municípios Grupo Técnico de Padronização de Relatórios GTREL BRASÍLIA Abril, 2014 Acórdão TCU nº 1.776/2012 Acórdão TCU nº

Leia mais

Relatório da Administração

Relatório da Administração SECULUS CRÉDITO FINANCIAMENTO E INVESTIMENTO S.A Endereço: Rua Paraíba, n.º 330 11º Andar Belo Horizonte - MG CNPJ: 04.787.807/0001-77 Relatório da Administração Senhores acionistas, Cumprindo determinação

Leia mais

BALANÇO PATRIMONIAL. Saldos em 31/12/2013

BALANÇO PATRIMONIAL. Saldos em 31/12/2013 PARTIDO: BALANÇO PATRIMONIAL ORGÃO DO PARTIDO UF EXERCÍCIO CÓDIGO CONTA Saldos em 31/12/2014 Saldos em 31/12/2013 CÓDIGO 1.1. ATIVO CIRCULANTE 2.1. PASSIVO CIRCULANTE 1.1.1. ATIVO CIRCULANTE - FUNDO PARTIDÁRIO

Leia mais

Análise das Demonstrações Contábeis Aplicadas ao Setor Público. Luiz Carlos Wisintainer

Análise das Demonstrações Contábeis Aplicadas ao Setor Público. Luiz Carlos Wisintainer Análise das Demonstrações Contábeis Aplicadas ao Setor Público Luiz Carlos Wisintainer Sistemas da Contabilidade Pública SUBSISTEMAS DE CONTAS ORÇAMENTÁRIO PATRIMONIAL CUSTOS COMPENSAÇÃO Fonte: MCASP Subsistema

Leia mais

OS MECANISMOS INSTITUCIONAIS DE ACOMPANHAMENTO E CONTROLE DO SISTEMA ECONÔMICO

OS MECANISMOS INSTITUCIONAIS DE ACOMPANHAMENTO E CONTROLE DO SISTEMA ECONÔMICO OS MECANISMOS INSTITUCIONAIS DE ACOMPANHAMENTO E CONTROLE DO SISTEMA ECONÔMICO As Autoridades Econômicas do Brasil se utilizam de diversos INSTRUMENTOS INSTITUCIONAIS PARA ACOMPANHAMENTO E CONTROLE do

Leia mais

Empregado Doméstico Trimestral - NIT/PIS/PASEP - (que recebe até um salário mínimo)

Empregado Doméstico Trimestral - NIT/PIS/PASEP - (que recebe até um salário mínimo) CÓDIGO DE GUIAS GPS Recolhimento Relação de Códigos de Pagamento Código Descrição 1007 Contribuinte Individual - Recolhimento Mensal NIT/PIS/PASEP 1104 Contribuinte Individual - Recolhimento Trimestral

Leia mais

Elekeiroz S.A. Demonstrações contábeis de acordo com as práticas contábeis adotadas no Brasil e com o IFRS em 31 de dezembro de 2013

Elekeiroz S.A. Demonstrações contábeis de acordo com as práticas contábeis adotadas no Brasil e com o IFRS em 31 de dezembro de 2013 Elekeiroz S.. Demonstrações contábeis de acordo com as práticas contábeis adotadas no Brasil e com o IFRS em 31 de dezembro de 2013 Balanço patrimonial tivo Circulante Nota 31 de dezembro de 2013 31 de

Leia mais

Balancete. Saldo Anterior. Saldo Anterior , , , , , , , , ,

Balancete. Saldo Anterior. Saldo Anterior , , , , , , , , , CRESS/SC - 12ª Região Conselho Regional de Serviço Social CNPJ: 76.557.099/0001-99 Período: 01/10/2014 à 31/10/2014 Balancete Conta Saldo Anterior Débitos Créditos Saldo CRESS/SC - 12ª Região Período:

Leia mais

ANEXO DO EDITAL. Anexo IV DIRETRIZES PARA ELABORAÇÃO DO PLANO DE NEGÓCIOS DE REFERÊNCIA

ANEXO DO EDITAL. Anexo IV DIRETRIZES PARA ELABORAÇÃO DO PLANO DE NEGÓCIOS DE REFERÊNCIA ANEXO DO EDITAL Anexo IV DIRETRIZES PARA ELABORAÇÃO DO PLANO DE NEGÓCIOS DE REFERÊNCIA Dezembro - 2013 Anexo IV: Diretrizes para elaboração do Plano de Negócios de Referência Índice 1 Introdução... 3 2

Leia mais

TERMINOLOGIAS E CLASSIFICAÇÃO DOS CUSTOS Gastos, custos, despesas Custos diretos e indiretos Método de avaliação de estoques PEPS, CUSTO MÉDIO

TERMINOLOGIAS E CLASSIFICAÇÃO DOS CUSTOS Gastos, custos, despesas Custos diretos e indiretos Método de avaliação de estoques PEPS, CUSTO MÉDIO TERMINOLOGIAS E CLASSIFICAÇÃO DOS CUSTOS Gastos, custos, despesas Custos diretos e indiretos Método de avaliação de estoques PEPS, CUSTO MÉDIO 22/02/2016 1. DEFINIÇÕES E TERMINOLOGIAS BÁSICAS Dispêndio

Leia mais

Orçamento de Caixa. Sabrina Alencar Larissa Falcão Adriana Sampaio

Orçamento de Caixa. Sabrina Alencar Larissa Falcão Adriana Sampaio Orçamento de Caixa Sabrina Alencar Larissa Falcão Adriana Sampaio Fortaleza 2011 Fluxo de bens e serviços x Fluxo de caixa Orçamento de Caixa: Projeção de entradas e saídas de caixa; Necessidades de financiamentos;e

Leia mais