Visão Sany. Quatro guindastes fazem parte da frota da Contern, responsável pelo trecho leste da obra

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Visão Sany. Quatro guindastes fazem parte da frota da Contern, responsável pelo trecho leste da obra"

Transcrição

1 revista Visão Sany Nº 10 - Outubro de 2012 SANY PARTICIPA DO RODOANEL Quatro guindastes fazem parte da frota da Contern, responsável pelo trecho leste da obra Escavadeiras Clientes recebem treinamento de operação Logística GB Terminais adota reach stacker da Sany no porto de Santos Metrô SP Guindaste de 80 toneladas entra em operação

2 SY215 O MELHOR CUSTO-BENEFÍICIO DO As escavadeiras Sany oferecem alta performance, economia de combustível, durabilidade e rede de distribuidores exclusivos. PENSE GRANDE. PENSE SANY. BRASIL Segurança Cabine com certificação FOPS Economia Motor Mitsubishi 6D34-TL 153HP 21t Montada no Brasil Conforto Ar-condicionado e computador de bordo de série Agilidade 2 bombas hidráulicas Kawasaki Escavadeiras Hidráulicas de 5,5t a 46,5t Motoniveladoras Rolos Compactadores SY55 SY75 SY135 SY215 SY235 SY335 SY365 SY465 REVENDEDORES AUTORIZADOS: CIPROL CE, PB, PE e RN (85) EXTREMO SUL RS, SC e PR (41) GURUTUBA Minas Gerais (31) IMPORMAQ MS, MT, AC e RO (67) JS MÁQUINAS GO, DF e TO (62) LP GABOR ES, RJ, BA, AL e SE (21) VGM São Paulo (11) VENDAS DIRETAS SANY AM, AP, RR, PA, MA e PI (12) www. sanydobrasil. com - sanydobrasil. com - A qualidade transforma o mundo

3 03 Outubro de 2012 visão Sany editorial Obras ativas no Brasil Uma edição cheia de histórias de sucesso. É assim que poderíamos classificar essa décima edição do Visão Sany. Nada menos do que sete reportagens que trazem experiências desde equipamentos da linha amarela, apresentados para clientes no Sul do país, até o uso de reach stacker no porto de Santos. Em comum elas têm a marca Sany e a avaliação de sua qualidade. Na reportagem de capa nosso destaque é a adoção de quatro guindastes da Sany na obra do trecho leste do Rodoanel. À frente do uso das máquinas está a Contern, contratada da concessionária SPMAR, responsável pela expansão e empresa que administra o trecho sul já construído em operação. Dos quatro equipamentos, três são guindastes de 180 toneladas, complementados pelo quarto, com 250 toneladas. Inovadora, a construção envolve técnicas similares à adotadas em empreendimentos portuários. Os guindastes ainda são destaques nas obras da Equipar e da Araújo Guindastes, também relatadas nessa edição, além do modelo SCC16000, um dos maiores equipamentos dessa classe no mundo, podendo movimentar até 1600 toneladas. Este guindaste é empregado em instalações de usinas nucleares, aerogeradores de grande porte e maquinários da indústria química. Na área portuária, a Sany avança atendendo a GB Terminais, braço da empresa internacional de navegação e terminais Gearbulk Marítima. A filial brasileira acaba de comprar um reack stacker RSC45C2, que irá substituir um equipamento de mesmo modelo anteriormente locado. A linha amarela não fica atrás, movimentada com as novas vendas da Extremo Sul e da Gurutuba, além do treinamento de escavadeira para os operados dos clientes, realizado pela Sany na fábrica em São José dos Campos. Novidade também é a inauguração da maior fábrica da empresa, na China. Ainda nessa área de equipamentos, trazemos a entrevista do presidente da Abelme falando sobre o mercado baiano de locação, um segmento que movimenta cerca de R$ 1 bilhão por ano no estado. Editorial...03 Entrevista...04 e 05 Arthur Luiz Brandão Vieira, da Abelme Novos Negócios...05 Bolognesi investe em novos equipamentos Capa...06 e 07 Rodoanel em São Paulo adota guindastes da Sany Guindastes...08 Equipar Locações compra pesos pesados da Sany Araújo Equipamentos cresce no Maranhão Infraestrutura...09 GB Terminais adquire reach stacker RSC45C2 Guindaste gigante movimenta até 1600 toneladas Linha Amarela...10 Sany instala maior planta mundial de fabricação de escavadeiras Extremo Sul apresenta showroom de máquinas David Cui Presidente da Sany do Brasil Treinamento...12 Sany realiza primeiro treinamento de operadores Expediente Visão Sany é uma publicação da Sany Imp. e Exportação da América do Sul, situada na Av. Alfredo Ignácio Nogueira Penido, 550, S. J. dos Campos (SP). Departamento de Marketing da Sany do Brasil Gerente de Marketing Julio Malhadas Neto Colaboradores Thaís Campos Jeferson Souza Mariane Gunter Produção Canaris Informação Qualificada Jornalista Responsável Nelson Valêncio (MTB /SP) Distribuidores Sany no Brasil Linha Amarela (Rolo Compactador - Motoniveladora - Escavadeira) RS/SC/PR - EXTREMO SUL (41) / SP - VGM (11) / / ES/RJ/BA/AL/SE LP GABOR (21) / MG - GURUTUBA (31) / MS/MT/AC/RO - IMPORMAQ (67) / FAX: (67) GO/DF/TO - JS MÁQUINAS (62) / / CE/PB/PE/RN - CIPROL (85) / Guindaste sobre caminhão PI/CE/RN/PB/PE/AL/SE/BA/MA MLX DISTRIBUIDORA (11) SP/MG/ES/RJ ERGOMAX (11) Vendas Diretas Sany (12) Linha amarela - AM/AP/RR/PA/PI/MA; Reach stacker - Todo Brasil; Perfuratriz - Todo Brasil Guindaste sobre esteiras - Todo Brasil; Guindaste sobre caminhão - RS/SC/PR/ MS/AC/AM/AP/RO/RR/TO/GO/DF/MT Serviço de Atendimento ao Cliente Está é uma publicação de responsabilidade do Departamento de Marketing da Sany do Brasil. As matérias e artigos aqui representados não representam necessariamente a opinião da empresa. A reprodução das matérias é permitida, desde que citada a fonte. Para sugestões ou observações, contate-nos:

4 visão Sany 04 Entrevista Locação em alta na Bahia Com aproximadamente uma centena de empresas associadas, a Associação Baiana de Locadores de Equipamentos (Abelme) registra que o segmento de locação de máquinas da linha amarela naquele Estado tem um posicionamento singular, com uma participação acima da média brasileira. Enquanto no resto do País cerca de 30% dos equipamentos vendidos são comprados por empresas locadoras, na Bahia esse índice pode chegar a 40%. Em faturamento, as associadas responderiam por mais de R$ 1 bilhão ao ano. A informação é de Arthur Luiz Brandão Vieira, presidente da Abelme e nosso entrevistado nessa edição do Visão Sany. Confira a entrevista completa abaixo. Visão Sany Como a Abelme avalia o mercado de locação na Bahia neste ano? Arthur Luiz Brandão Vieira O primeiro semestre de 2012 veio com expectativa grande de obras que aconteceriam em ritmo acelerado. Existia, por exemplo, a necessidade de aceleração de projetos para a Copa do Mundo, Olimpíadas e, principalmente, as de infraestrutura na nossa região. O Brasil está em alta no mercado internacional e esperamos que seja uma das locomotivas da produção mundial. Para o final de 2012 e começo de 2013, estamos esperançosos, pois o governo deve estar atento, já que o país não pode ficar parado. Esperamos que o governo tenha consciência que o vai-e-vem da politica impede o crescimento. Se formos analisar a comercialização e locação de equipamento, 2012 vai terminar praticamente igual a 2011, que acaba sendo uma boa notícia após um início de ano muito ruim. Estamos esperançosos que no terceiro trimestre as obras reaqueçam e o resultado anual melhore. Para a venda de equipamento, a expectativa é que o crescimento seja de até 7%. Visão Sany Quais seriam as razões desse crescimento? Vieira Conversamos com os nossos contratantes, que estão reiniciando as obras paralisadas e eles também pensam assim. Agora em outubro as obras em andamento devem ganhar novo ritmo, quando também iniciará a partida de novas obras. Outro motivo que influência a falta de movimentação no mercado é o período eleitoral. Quando a situação se normalizar e os políticos voltarem às suas atividades normais, acreditamos que as obras de infraestrutura sejam retomadas, pois são elas que mais aquecem o mercado. Visão Sany Como o mercado de locação reage às recentes paralisações de grandes obras, caso da Ferrovia Oeste-Leste? Vieira Nós nos preparamos para essas obras e recomendamos às empresas baianas garantirem a renovação de sua frota de equipamentos. Nós temos uma das mais novas frotas do Brasil e estamos aptos a atender as demandas que houver, mesmo com o sobe e desce do mercado. Já algumas empresas que não são focadas na prestação de serviço no ramo de locação acabaram sofrendo por conta da falta de conhecimento do mercado em si. V á - rias empresas entrantes, que não eram do ramo, pegaram um ano de dificuldade e acabaram saindo, mas as tradicionais continuam existindo e estão fortes. A Abelme tem orientado suas associadas a participar das demandas certas, em qual equipamento seria interessante investir. E fizemos isso pensando não só no momento, mas também com olhos no futuro. Visão Sany Quais tipos de obras têm demandado maior volume de locação de equipamentos? Vieira Notadamente, as grandes obras é as que demandam um volume de equipamentos mais significativo, caso das ferrovias, do porto de Salvador, da Arena Fonte Nova, da duplicação do complexo do Sistema BA 093, das obras da via Parafuso BA 526, além da Ferrovia Oeste- Leste, que na Bahia vai de Luis Eduardo Magalhães ate Ilhéus, no Sul do Estado e que será de vital importância para o escoamento da produção agrícola e mineral através do Porto de Ilhéus, que será construído. Além dessas obras, o Nordeste tem a Transnordestina, uma obra ferroviária com o objetivo de interligar dois portos importantes como Pecém (CE) e Suape (PE), além do cerrado do Piauí, totalizando km. O projeto eleva a competitividade da produção agrícola e mineral da região com uma moderna logística, que une uma ferrovia de alto desempenho a portos de calado profundo, que podem receber navios de grande porte. Visão Sany E há outras obras que devem demandar mais locação? Vieira Sim, há também a transposição do Rio São Francisco, com a construção de nove estações de bombeamento de água, cruzando quatro Estados do Nordeste (Pernambuco, Paraíba, Ceará e Rio Grande do Norte), com o intuito de levar água a lugares escassos.

5 05 Outubro de 2012 visão Sany Visão Sany Esse perfil de demanda mudou em virtude das freadas nas grandes obras, principalmente as ligadas à Valec? Vieira Sim, as empresas se preparam adquirindo equipamentos de grande porte para atender grandes demandas que acabaram não acontecendo. Porém, o planejamento do mercado de locadores está bem estruturado e estabilizado. É só criar novas demandas que voltaremos se necessário a adquirir novos equipamentos e a participar das obras sem nenhum problema. Visão Sany Há particularidades do mercado de locação que merecem ser destacados como práticas diferentes do que ocorre em outros Estados? Vieira Nós primamos por preparar os nossos associados a fornecer um bom atendimento aos clientes. Sempre realizamos seminários, cursos e palestras para que os nossos associados estejam mais focados no próprio negócio e, com isso, estamos criando a oportunidade para que trabalhando melhor e com maior controle das suas atividades, o locador possa reduzir custos, otimizar receitas e consequentemente aumentar o lucro. Visão Sany E para 2013, quais são as expectativas do mercado de locação baiano? Vieira São as melhores possíveis. Estamos esperançosos, acreditamos no governo. No que depender de nós, pode ter a certeza que as demandas serão atendidas. Esperamos que o mercado volte a aquecer como foi nos anos de 2008 a 2010, pois o País precisa de obras de infraestrutura e são essas obras que movimentam a economia. novos negócios Bolognesi investe em novos equipamentos no Rio Grande do Sul A construtora gaúcha Bolognesi acaba de adquirir dois equipamentos da Sany, uma motoniveladora SHG190C e uma escavadeira SY215C para obras de infraestrutura, como terraplenagem, escavação e pavimentação. A empresa, que passou a investir na ampliação das frotas, agora conta com suas primeiras máquinas, que após detalhado estudo e avaliação optou pela Sany, com o acordo de venda selado na feira M&T EXPO de Vale ressaltar que a Bolognesi optou por um contrato de manutenção que dará cobertura inicialmente para 2000 horas de trabalho. Nesse caso, a manutenção é executada pela Extremo Sul Equipamentos, comentou a supervisora regional da Sany, Bárbara Qi. Mesmo em fase inicial de uso dos equipamentos, o novo cliente já se diz satisfeito com o resultado do trabalho, tanto da motoniveladora quanto da escavadeira. Estamos contentes com as máquinas, que já superaram as nossas expectativas, conta Antônio Pires, coordenador de suprimentos da Bolognesi. Hoje, a empresa participa de um projeto na cidade de Cachoeirinha/RS, onde está sendo construído um bairro planejado, com condomínios fechados e projetos do programa Minha Casa Minha Vida, iniciativa do Governo Federal em parceira com a Caixa Econômica Federal. Já iniciamos os processos de movimentação de terra, com terraplanagem, escavação e pavimentação, disse o executivo. A Bolognesi especializou-se em obras de Coordenador de suprimentos da Bolognesi, Antônio Pires; 2 Clientes da Extremo Sul em evento de showroom em Porto Alegre; 3 Cliente Bolognesi recebe a chave simbólica pela compra do equipamento construção de loteamentos de terrenos e casas, apostando em projetos de casas populares como carro chefe. Com o crescimento da empresa, passaram a atender construções de condomínios de terrenos alto padrão e nos últimos três anos estão participando de trabalho em obras verticais, nas cidades de Porto Alegre/RS e Canoas/RS.

6 visão Sany 06 capa Rodoanel em São Paulo adota guindastes da Sany Operando em uma das principais obras do Governo do Estado de São Paulo, dois guindastes sobre esteiras - um modelo SCC1800 de 180 toneladas e outro SCC2500C de 260 toneladas - iniciaram em junho as operações na construção do trecho leste do Rodoanel e no próximo mês, mais dois modelos de 180 toneladas irão reforçar as atividades na obra, totalizando quatro unidades. Mais uma vez, a imponência dos guindastes da Sany marca presença nas importantes obras de infraestrutura do país. Os guindastes sobre esteiras, adquiridos pela Contern, empresa do Grupo Bertin, atuam na linha de frente da construção de um trecho elevado que faz parte do projeto do Rodoanel leste, obra localizada nos proximidades da Estrada dos Fernandes, na cidade de Suzano/SP. A concessionária SPMAR, administradora responsável pela concessão do trecho sul, construção do trecho leste do Rodoanel e também integrante do Grupo Bertin, começou em março os trabalhos de construção do viaduto. Embora a montagem do viaduto, conhecido tecnicamente como encontro leve estruturado, tenha começado há pouco tempo, a estrutura de partida para o restante do viaduto, com 404 estacas de sustentação, lançamento de vigas travessa e longarinas, bem como a execução de lajes já está em andamento, explica o engenheiro da Contern responsável pela obra, Wagner Porfirio. O engenheiro ainda detalha que a principal atividade dos guindastes da Sany é a movimentação e cravação de estacas, que trabalham sobre o equipamento conhecido como cantitravel. A operação é semelhante às obras portuárias, ou seja, sem acesso por água. O cantitravel foi colocado sobre as estacas por meio de um guindaste sobre caminhão e o modelo sobre esteiras de 180 toneladas fará a operação de posicionamento das estacas, vigas e de movimentação de toda a máquina. Com esse sistema não haverá grandes movimentações de terra, já que o local da obra é a várzea dos rios Guaió e Tietê e por isso a obra segue por cima, com estacas cravadas com auxílio do cantitravel. É um tipo de conjunto móvel, equipado com guindaste e ponte rolante, que lança as vigas transversais e

7 07 Outubro de 2012 visão Sany longitudinais sobre as estacas. Os guindastes farão o posicionamento exato de quatro estacas cravadas por dia, detalha Porfirio. Os guindastes sobre esteiras de 180 e 260 toneladas trabalham com içamento máximo de 30 toneladas a 25 metros de altura, cerca de nove horas por dia, podendo chegar até 18 horas no pico da obra. Até agosto, teremos as quatro máquinas operando em diferentes canteiros de obras. Os equipamentos atendem a nossa demanda e apresentam ótima relação custo e benefício, o que diferencia com exatidão a Sany da concorrência, aponta o engenheiro. O modelo de 180 toneladas está configurado com lança principal de 55 metros e modelo de 260 toneladas com lança de 64,5 metros. Os equipamentos atuarão no trecho leste do Rodoanel até o final da obra, que tem previsão de entrega em fevereiro de O trecho, que terá conexão com a parte sul, viabilizará também uma ligação mais rápida com o porto de Santos e com o Aeroporto Internacional de Guarulhos por meio das rodovias Ayrton Senna e Dutra. Lima destaca o uso de componentes de padrão internacional na construção dos guindastes como uma das razões de sucesso das máquinas. É o caso do motor Cummins, do sistema hidráulico da Bosch Rexroth ou da Kawasaki, para citar três dos parceiros da Sany. Os guindastes também são dotados de sistemas de segurança como anemômetro, luz de advertência aérea, câmeras para monitoramen to dos tambores de carga e sistema de auto montagem, entre os principais. Equipamentos da marca destacam-se em outros canteiros no Brasil Modelo de 260 toneladas operando na Refinaria do Nordeste O Rodoanel não é única obra de grande porte a contar com máquinas da Sany. A RNEST (Refinaria do Nordeste/Petrobras), no município de Ipojuca/PE também adota a marca desde março desse ano. Um SCC2500C, de 260 toneladas trabalha no içamento de desarenadores, pontes rolantes e vigas em geral na obra da Alusa Engenharia. Locado pela Makro Engenharia, o guindaste está configurado com lança principal de 22 m e luffing jib de 22,5 m. Localizada perto do porto de Suape, a RNEST será a primeira refinaria de petróleo inteiramente construída com tecnologia nacional, segundo a Petrobras, que é a dona do empreendimento. Já na cidade de Anchieta/ES, o modelo de 260 toneladas opera na obra de expansão da mineradora Samarco. O equipamento, propriedade da Enesa, trabalha no içamento das colunas e pré-montagem dos módulos, com configuração de 61 metros de lança principal e 52,5 metros de luffing jib, atuando em um raio médio de 30,0m. No Rio de Janeiro, um SCC1500D, de 150 toneladas, operou até pouco tempo na obra civil de cravação de estacas no Superporto do Açu, no munícipio de Quissamã. Adquirido pela BSM, o equipamento foi estruturado com 25 metros de lança principal, realizando o içamento de estacas com 25 toneladas. A presença em grandes obras comprova o compromisso da Sany com o Brasil. Estruturamos a área de pós-venda e peças para atender os clientes em todas as regiões do país, completa Lima. Os equipamen tos foram projetados por John Lanning, da fi lial norte-americana da Sany. O Brasil vivencia um aquecimento nas vendas de guindastes sobre esteiras de médio porte, ou seja, aqueles que vão de 100 a 250 toneladas de capacidade, diz Lima. O executivo complementa que os prin cipais usuários dessas máquinas são os setores da construção civil como portos, estaleiros e obras de petróleo e gás. Essa demanda crescente ocorre também porque diversas obras de médio e longo prazo do Brasil, segundo Lima, vem substituindo a frota antiga de guindastes todo terreno (AT) da faixa de 220 toneladas por modelos sobre esteiras de 150 t. Isso porque os AT são projetados para locação de curto pra zo, devido à sua facilidade de locomoção, enquanto os modelos de esteiras são ideais para obras de longo prazo, onde permane cem por grandes períodos executando servi ços diversos e com menor custo operacional e melhor tabela da carga. O mercado brasi leiro se acostumou com a aplicação dos AT, mas hoje percebe-se que nem sempre eles são economicamente viáveis para obras lon gas, avalia o executivo.

8 visão Sany 08 linha amarela Sany instala maior planta mundial de fabricação de escavadeiras Construído pela Sany Heavy Machinery, o Parque Industrial de Lingang é considerado a maior base industrial de fabricação de escavadeiras do mundo. Instalado em Shangai, o complexo acaba de ser oficialmente ativado. Com área total de 250 mil m 2, são 70 mil m 2 de linha industrial e 4 mil m 2 de jardins, o que também coloca a construção no ranking das mais bonitas do mundo. A capacidade atual de produção chega a 40 mil unidades por ano, com a fabricação de escavadeiras na faixa de 20 t e 30 t. O complexo industrial é considerado pela Sany como um dos mais avançados do mundo na produção de escavadeiras e a escolha de Shangai aconteceu em A proximidade da cidade com a área portuária de livre comércio de Yangshan e com o complexo aéreo internacional de Pudong foi fundamental. A região tem atraído indústrias de equipamentos e também a ativação de modernos sistemas logísticos, o que otimiza a política de globalização da Sany. Para o presidente da corporação, Yu Hongfu, a Sany Heavy Machinery já é a primeira no ranking de vendas de escavadeiras na China e tem como meta tornar-se a primeira colocada também em nível mundial. Depois que o Parque Industrial de Lingang entrar em operação, a produção de escavadeiras da Sany será revolucionada e a qualidade do produto dever ser ainda mais aprimorada. O complexo inclui duas linhas de produção separadas, ladeadas por jardins e com boa iluminação. A planta vai adotar um sistema de gerenciamento de produção informatizado e digitalizado, capaz de conectar os profissionais envolvidos na produção, além de monitorar todas as condições de fabricação e rastrear os produtos em tempo real. Em termos de logística, a Sany adotou um modelo de entrega automática inovador: os componentes de alta tonelagem são transportados automaticamente a partir de um túnel subterrâneo, enquanto os mais leves são movimentados por correias, o que garante um fluxo suave e alta eficiência de entrega. Construtora Sodeste avança a partir de Uberlândia Especializada em obras de terraplenagem, a Construtora Sodeste tem um histórico de projetos relevantes em mais de 50 anos de atuação. Sediada em Uberlândia (MG), que é considerada uma espécie de capital do Triângulo Mineiro, a empresa atua num raio de 200 km a partir de sua base operacional. Com uma frota de equipamentos próprios, que já atingiu sua primeira centena, a construtora é usuária de duas máquinas Sany uma motoniveladora SHG190C e uma escavadeira hidráulica SY215C. Essa última já completou mais de 1,4 mil horas de operação, enquanto a motoniveladora atingiu cerca de 580 horas trabalhadas. Estou impressionado com a expansão da marca e sua alta produção. São bons equipamentos com um potencial de crescimento mundial, opina Warner Siquieroli, sóciopresidente da Sodeste. Satisfeito com a escavadeira SY215C, o executivo destaca a boa operação da máquina, além do consumo de combustível mais racional, apresentando, assim, melhor custo-benefício. No caso da motoniveladora, Siquieroli explica que a máquina foi adquirida em função do sistema hidrostático, do conforto e da produtividade. A Sodeste é parte do crescimento de Uberlândia com a sua capacidade e conhecimentos técnicos. Os atributos da empresa estão alinhados com os objetivos da Sany de transformar o mundo por meio de qualidade. A parceria com a Sany e com o seu o distribuidor Gurutuba-LP Gabor está trazendo ótimos frutos para nós, complementa o gerente comercial, Flávio Mendonça Caricatte. A construtora mineira consolidou-se como uma das principais do Estado e apresenta um faturamento médio de R$ 40 milhões ao ano. Seus principais clientes concentram-se na área privada, mas o setor público tem aumentado a participação na carteira da empresa.

9 09 Outubro de 2012 visão Sany infraestrutura Equipar Locações adota guindastes da Sany SCC800C na construção da nova linha lilás do metrô em SP A Equipar Locações, do estado de São Paulo, é uma das mais novas usuárias dos guindastes da Sany. A empresa adquiriu os guindastes SCC800C de 80 toneladas e o SCC1000C de 100 toneladas, que entraram em operação no mês de agosto. A máquina de 80 toneladas atua na construção da nova linha Lilás do metrô de São Paulo, na região de Moema, e o guindaste de 100 toneladas está em operação nas obras portuárias do Estaleiro Aliança, em Niterói/RJ, e trabalha na movimentação de peças e blocos de navio. Estou satisfeita com o trabalho dos equipamentos. Eles têm pouco tempo de uso, mas já podemos ouvir elogios das máquinas, comenta Marianne Corrêa, diretora executiva da Equipar Locações. Ambos vieram complementar a frota de equipamentos da Equipar, que possui ativos como guindastes, escavadeiras, bate estacas, martelos, estacas prancha, blindagens de vala e equipamentos leves, com forte demanda no segmento de saneamento e portuário. De acordo com Marianne, a aquisição dos guindastes da Sany foi pensada como uma estratégia de investimento a longo prazo. Por sermos um grupo voltado à construção civil, acreditamos que a locação é uma operação mais viável, de forma que ao alugar temos o equipamento ativado o mais rapidamente possível, argumenta a executiva. Ainda segundo Marianne, o relacionamento com a Sany começou em 2010, com a visita da empresa ao estande da fabricante na Bauma (Feira Internacional de Equipamentos para Construção Civil), em Shangai, China. A partir desse encontro, analisamos qual seria a melhor empresa para ser parceira de nossas operações na área de locação e concluímos que a Sany era a alternativa correta, finaliza. O Maranhão está em obras e a Araújo Equipamentos participa do bom momento do Estado nordestino. Sediada na capital, São Luís, a empresa tem quatro guindastes Sany em sua frota: uma máquina QY50 de 55 toneladas e outras três STC75 de 75 toneladas, sendo que uma STC800 de 80 toneladas já está reservada. Três grandes projetos atuais fazem parte da lista de empreendimentos que contam com a atuação da companhia, todos ligados aos setores de óleo e gás e de mineração. Os pesos pesados incluem obras da Vale, no porto de Itaqui, projetos do grupo EBX, além dos primeiros passos da construção da refinaria da Petrobras, prevista para ser encerrada em Todas essas obras estão sendo realizadas aqui e nosso objetivo é crescer junto com o Estado, explica Valdemar Araújo, presidente da Araújo Equipamentos. Voltada para locação de equipamentos, principalmente de grande porte, a empresa ganhou sua Araújo Equipamentos cresce com o Estado atual configuração em Fundada em 1999, a companhia atuava em outro ramo: a comercialização de pneus. Atendida pelo distribuidor na área de guindastes no Nordeste, a MLX, a locadora maranhense está satisfeita com o relacionamento, segundo seu principal executivo. Só tenho elogios a fazer. Não compraria outra máquina a não ser outra da Sany. O preço e a qualidade são os diferenciais da marca, relata. Rodrigo Lucas, diretor de vendas da MLX, comentou que a Araújo Máquinas é um dos clientes mais fiéis da Sany. Temos um retorno muito positivo por parte deles e podemos dizer que a Araújo é um dos nossos melhores clientes. Ele ainda fez questão de frisar que no Maranhão existem pelo menos 25 máquinas da Sany operando. Graças à fidelidade dos nossos parceiros, estamos dominando a região e futuramente mais equipamentos devem chegar, destacou.

10 visão Sany 010 Reach stacker e guindaste A GB Terminais, braço portuário da empresa internacional de navegação e terminais Gearbulk Marítima, adquiriu mais um reach stacker modelo RSC45C2. Com a aquisição, a empresa confirma a boa experiência com a marca, uma vez que já é usuária de outro equipamento dessa linha. GB Terminais adquire reach stacker RSC45C2 De acordo com Leonardo Prado Conceição, gerente de operações da GB Terminais, o RSC45C2 será utilizado inicialmente no manuseio de contêineres cheios e vazios e para a eventual carga de projeto no terminal 32 no Porto de Santos. Nessa área, a GB atende a CBA, do grupo Votorantim, com operação de cargas gerais, contêineres e estufagem de alumínio. A GB está presente ainda nos terminais 30 e 31, cujas atividades fazem parte da NST - Operações de celulose e nos terminais 13, 14 e 15 atua exclusivamente com operações de na área de celulose. Outro terminal atendido pela empresa é o 45. Além do porto paulista, a GB tem outra base em Paranaguá. Segundo Leonardo, a opção de comprar e não mais locar reach stacker aconteceu em função da quantidade de horas de uso mensal do equipamento, mostrando que a aquisição era mais vantajosa. A locação continua até a liberação do equipamento próprio, adianta o executivo. Ele também cita outros fatores que pesaram na escolha da GB Terminais. Identificamos que a Sany tem capacidade técnica e porte adequado para participar do processo concorrencial. A empresa já tem uma reputação crescente no Brasil com equipamentos de boa qualidade a bons preços, explica. Guindaste gigante movimenta até 1600 toneladas A Sany Heavy Machinery acaba de divulgar um relatório de desempenho do guindaste SCC16000, equipamento totalmente desenvolvido pela fabricante e projetado para instalações de equipamentos nucleares de grande escala, turbinas de vento de 5 MW e maquinário de grande porte da indústria química, entre outros nichos de mercado. A fase de pesquisa e desenvolvimento para a fabricação desse gigante começou em outubro de 2008 e o primeiro SCC16000 saiu da linha de produção em agosto de O equipamento tem 20 patentes registradas, o que comprova o pioneirismo tecnológico do guindaste. A configuração de primeira classe do SCC16000 também pode ser comprovada a partir de seus componentes. Com motor Cummins 746kW, o guindaste tem capacidade de movimentação que chega a t.m e a maior extensão combinada das lanças significa 108 m m. O amplo chassi do equipamento permite uma estabilidade de operação a 360 graus e o SCC16000 pode ser operado em terrenos difíceis como de alta altitude, arenosos ou extremamente frios. De acordo com a Sany, o equipamento atende os requerimentos de normas da Comunidade Europeia, Estados Unidos, Rússia e Taiwan, assim como a Fase 3 dos padrões de emissão europeus e norteamericanos para veículos fora de estrada.

11 011 Outubro de 2012 visão Sany treinamento Sany realiza primeiro treinamento de operadores Com o foco na melhoria contínua do processo de operação e desempenho das suas escavadeiras, a Sany realizou nos dias 28 e 29 de julho um treinamento com os operadores de alguns clientes para explicar e demonstrar a melhor forma de operar a máquina. Temas como segurança na operação, diminuição de falhas, otimização e boa produtividade foram destacados no treinamento. Realizado na fábrica e com carga horária de 16 horas, nove operadores dos clientes dos distribuidores Valor Global, Extremo Sul e LP Gabor estavam presentes. O primeiro dia de treinamento contou com a recepção dos operadores, apresentação sobre a Sany, visita a linha de produção e aulas teóricas, como de legislação, segurança e manutenção. As aulas foram ministradas por instrutores contratados do SestSenat de Jacareí e por Manoel Korruquian, da Sany. O primeiro dia teve como foco mostrar aos operadores que mesmo com conhecimentos em operação é indispensável as atualizações periódicas sobre segurança no ambiente de trabalho e a correta operação. Isso tem como objetivo manter o bom desempenho do equipamento e garantir uma maior eficiência, produtividade e assim, a diminuição de paradas por erro de operação viabilizando custos operacionais, explica Darlan Octani, responsável da Sany pelo treinamento. Emerson Faria, encarregado administrativo da JS Santiago, empresa que atua em obras de ferrovias, com trabalhos de terraplenagem e construção de vias, elogiou o programa, ressaltando a atenção dos palestrantes em explicar cada passo da operação com detalhes. Todos tiveram muita paciência com quem estava assistindo, explicando de forma bem ampla e demonstrando um trabalho eficaz, explica o encarregado. Faria destacou ainda que a JS Santiago já possui dois equipamentos da Sany: uma escavadeira SY230, de 23 toneladas, e uma SY135, de 13,5 toneladas. É importante estar presente para conhecer e usar melhor a máquina que temos em mãos, comenta. O último dia foi marcado por aulas práticas de manuseio e simulação de operação com os modelos SY215 e SY75. Os operadores puderam fazer escavações e verificar como reduzir falhas. No encerramento do treinamento, os operadores receberam um certificado oficial de operação valido em todo território nacional nos quais estão aptos a operar equipamentos em qualquer companhia multinacional. Para Carlos Pires do Rio, diretor executivo da LP Gabor, a iniciativa é importante, pois o colaborador que consegue operar esse tipo de equipamento ganha experiência para atuar em qualquer outra máquina. Nossa meta é contribuir para que haja uma evolução do desempenho desses profissionais, de forma que eles possam tirar o melhor de cada escavadeira, aumentando a produtividade em campo e favorecendo suas empresas, finaliza Certificado oficial de operação valido em todo território nacional; 2- Explanação sobre o motor da escavadeira; 3- Aula teórica reúne situações do dia-a-dia e troca de experiências

12 SANY O MELHOR CUSTO-BENEFÍCIO DO Com qualidade de ponta e uma forte estrutura de pós-vendas, a Sany apresenta a melhor solução em guindastes. A estrutura fabril em São José dos Campos/SP e a ampla rede de distribuição garantem um rápido atendimento em qualquer parte do território brasileiro. Venha conferir. BRASIL Motor Cummins Kit RAC de fábrica Câmera de ré Facilidade na operação Patolamento eletrônico Sensor de pressão das patolas Ar-condicionado de série Monitor LED (*) STC250H GUINDASTE RODOVIÁRIO - Capacidade de 25t - 39,5m de lança - 47,5m de lança + Jib (*) montado no Brasil QY50C* GUINDASTE RODOVIÁRIO - Capacidade de 55t - 42,5m de lança - 58,5m de lança + Jib STC600* GUINDASTE RODOVIÁRIO - Capacidade de 60t - 43m de lança - 59m de lança + Jib STC75Y2C* GUINDASTE RODOVIÁRIO - Capacidade de 75t - 45m de lança - 61m de lança + Jib STC800* GUINDASTE RODOVIÁRIO - Capacidade de 80t - 45m de lança - 61m de lança + Jib STC1000 GUINDASTE AT - 2 motores Mercedes Benz - Capacidade de 100t - 52m de lança - 70m de lança + Jib - Transmissão ZF SAC2200 GUINDASTE AT - 2 motores Mercedes Benz - Capacidade de 220t - 62m de lança - 105m de lança + Jib - Transmissão ZF SRC350 e SRC550 GUINDASTE RT - Capacidade de 35t e 55t - 31,5m e 34,5m de lança - 45,2m e 50,9m de lança + Jib REVENDEDORES AUTORIZADOS MLX Distribuidora PE/PI/CE/RN/PB/AL/SE/BA/MA (81) (81) Ergomax SP/MG/RJ/ES (11) Vendas diretas Sany (12) (*) itens disponíveis para alguns modelos A qualidade transforma o mundo

Catálogo de produtos. www.sanydobrasil.com

Catálogo de produtos. www.sanydobrasil.com Catálogo de produtos www.sanydobrasil.com Grupo Sany Matriz do Grupo Sany em Changsha, China Fundado em 1989 em Changsha, na China, o Grupo Sany dedica-se à produção de máquinas pesadas, tendo como principais

Leia mais

A copa de 2014 já começou. Guindastes sobre caminhão

A copa de 2014 já começou. Guindastes sobre caminhão Revista Visão Sany Especial M&T Expo www.sanydobrasil.com A copa de 2014 já começou Guindastes e escavadeiras da Sany são destaque nas obras dos estádios de Brasília e Fortaleza, mostrando que para a empresa

Leia mais

Visão Sany Especial Guindastes

Visão Sany Especial Guindastes Visão Sany Especial Guindastes Nº 4 - Maio de 2011 Sany do Brasil amplia atuação no mercado de guindastes Montagem no País começa em maio e envolve equipamentos com capacidade de içamento de 55 t e 75

Leia mais

VISÃO SANY A CONQUISTA DO BRASIL. De norte a sul, clientes contam a sua história de parceria com a Sany. Especial clientes

VISÃO SANY A CONQUISTA DO BRASIL. De norte a sul, clientes contam a sua história de parceria com a Sany. Especial clientes VISÃO SANY Especial clientes www.sanydobrasil.com Agropecuária São Gabriel Grupo Ale Construtor José Maria Evangelista Construtora Tangará Daniel Empreendimentos Drilling do Brasil Empremon Extreme Locação

Leia mais

Sany Surpreende na M&T Expo 2012

Sany Surpreende na M&T Expo 2012 revista Visão Sany www.sanydobrasil.com Nº 9 - Junho de 2012 Sany Surpreende na M&T Expo 2012 Com show de máquinas e acrobacias, o estande da empresa superou as expectativas e foi palco para a venda de

Leia mais

Guindaste Truck Crane STC250H. Capacidade de carga: 25 t

Guindaste Truck Crane STC250H. Capacidade de carga: 25 t Guindaste Truck Crane STC250H Capacidade de carga: 25 t Sumário Grupo Sany... 4 Sany do Brasil... 5 Linha de produtos... 6 Apresentação do guindaste STC250H... 8 Velocidade de giro e ângulo de elevação...

Leia mais

Guindastes Sany conquistam o Comperj

Guindastes Sany conquistam o Comperj Nº 12 março de 2013 www.sanydobrasil.com Guindastes Sany conquistam o Comperj Modelos adquiridos pela Saraiva Equipamentos operam com excelência LOCÇÃO Macter adquire 14 equipamentos Sany para atuação

Leia mais

TRANSPORTE RODOVIÁRIO DE CARGAS

TRANSPORTE RODOVIÁRIO DE CARGAS DEPEC Departamento de Pesquisas e Estudos Econômicos TRANSPORTE RODOVIÁRIO DE CARGAS SETEMBRO DE 2015 1 2 PRODUTOS PARTICIPAÇÃO NO PIB 2013 Outros Serviços 33,7% Administração, saúde e educação públicas

Leia mais

Índice da apresentação

Índice da apresentação Cenário da reparação de veículos 2013 Índice da apresentação 1. Indicadores 2. Ameaças e oportunidades 3. Cenário futuro Indicadores Total 5.565 Municípios NORTE 449 Amazonas 62 Pará 143 Rondônia 52 Acre

Leia mais

Estrutura Organizacional

Estrutura Organizacional Marketing DCML - Agosto, 2015 Estrutura Organizacional FILIAIS DCML Inauguração 1977 Matriz Belo Horizonte/MG (116) Cummins MG/PA/MA/AP Bobcat / Sandvik / GINAF / Manitou / CDE Uberlândia MG (12) Belém

Leia mais

As atuais condições da infraestrutura de transporte e logística do Brasil têm

As atuais condições da infraestrutura de transporte e logística do Brasil têm ESTUDO DA CNT APONTA QUE INFRAESTRUTURA RUIM AUMENTA CUSTO DO TRANSPORTE DE SOJA E MILHO As atuais condições da infraestrutura de transporte e logística do Brasil têm impacto significativo na movimentação

Leia mais

Construção: equipamentos, investimentos e materiais Mercado brasileiro 2012-2017

Construção: equipamentos, investimentos e materiais Mercado brasileiro 2012-2017 Construção: equipamentos, investimentos e materiais Mercado brasileiro 2012-2017 Apresentação em Recife, 19 de março de 2013 Brian Nicholson, Consultor, Sobratema Associação Brasileira de Tecnologia para

Leia mais

A EDIÇÃO PAULISTA DA ECONOFARMA ESTÁ DE VOLTA. -feira

A EDIÇÃO PAULISTA DA ECONOFARMA ESTÁ DE VOLTA. -feira A EDIÇÃO PAULISTA DA ECONOFARMA ESTÁ DE VOLTA -feira EM 2014, A ECONOFARMA RETORNA COM UM NOVO OLHAR SOBRE O VAREJO FARMACÊUTICO CENÁRIO ATUAL O varejo nacional projeta otimismo de crescimento para os

Leia mais

EIXO INFRAESTRUTURA LOGÍSTICA

EIXO INFRAESTRUTURA LOGÍSTICA EIXO INFRAESTRUTURA LOGÍSTICA EIXO INFRAESTRUTURA LOGÍSTICA O eixo de infraestrutura logística do PAC tem como objetivo ampliar a qualidade dos serviços de transporte, para aumentar a competitividade da

Leia mais

AGENDA. A Vale. O Maior Projeto de Logística da America Latina. - Exportação de Minério. - Logística da Vale de Carga Geral

AGENDA. A Vale. O Maior Projeto de Logística da America Latina. - Exportação de Minério. - Logística da Vale de Carga Geral Vale no Maranhão AGENDA A Vale O Maior Projeto de Logística da America Latina - Exportação de Minério - Logística da Vale de Carga Geral A Vale no Mundo A Vale tem operações mineradoras, laboratórios de

Leia mais

Pesquisa CNT de Ferrovias 2011

Pesquisa CNT de Ferrovias 2011 Cresce o transporte de cargas nas ferrovias brasileiras As ferrovias brasileiras se consolidaram como uma alternativa eficiente e segura para o transporte de cargas. A, que traçou um panorama do transporte

Leia mais

PROGRAMA NACIONAL DE CAPACITAÇÃO E QUALIFICAÇÃO ABLA

PROGRAMA NACIONAL DE CAPACITAÇÃO E QUALIFICAÇÃO ABLA PROGRAMA NACIONAL DE CAPACITAÇÃO E QUALIFICAÇÃO ABLA Programa Nacional de Capacitação e Qualificação ABLA Convênio nº 635/2007. Objeto: Aumentar a qualidade na prestação de serviços e competitividade dos

Leia mais

Investe São Paulo. Campinas, 17 de março de 2015

Investe São Paulo. Campinas, 17 de março de 2015 Investe São Paulo Campinas, 17 de março de 2015 Missão Ser a porta de entrada para novos investimentos e a expansão dos negócios existentes, gerando inovação tecnológica, emprego e renda. Promover a competitividade

Leia mais

A importância do Investimento Privado na Concessão dos

A importância do Investimento Privado na Concessão dos A importância do Investimento Privado na Concessão dos Serviços Públicos Regulados Geraldo Villin Prado ABAR Mai/09 Demanda Anual de Investimentos no Brasil ENERGIA ELÉTRICA PETRÓLEO & GÁS (*) TRANSPORTES/

Leia mais

CASO DE INOVAÇÃO ATEX DO BRASIL UM NOVO MODELO ESTRATÉGICO DE REDES

CASO DE INOVAÇÃO ATEX DO BRASIL UM NOVO MODELO ESTRATÉGICO DE REDES CF1205 CASO DE INOVAÇÃO DO BRASIL UM NOVO MODELO ESTRATÉGICO DE REDES Hugo Ferreira Braga Tadeu D INTRODUÇÃO esde a implementação do Plano Real, a economia brasileira vem experimentando uma série de medidas

Leia mais

RETRATOS DA SOCIEDADE BRASILEIRA: PROBLEMAS E PRIORIDADES DO BRASIL PARA 2014 FEVEREIRO/2014

RETRATOS DA SOCIEDADE BRASILEIRA: PROBLEMAS E PRIORIDADES DO BRASIL PARA 2014 FEVEREIRO/2014 16 RETRATOS DA SOCIEDADE BRASILEIRA: PROBLEMAS E PRIORIDADES DO BRASIL PARA 2014 FEVEREIRO/2014 16 Retratos da Sociedade Brasileira: Problemas e Prioridades do Brasil para 2014 CONFEDERAÇÃO NACIONAL DA

Leia mais

Amapá 2,1. Pará 46,2. Ceará 25,4 Pernambuco 22,3. Maranhão 17,4. Roraima 3,7. Tocantins 19,7. Rio Grande do Norte 7,5. Piauí 9,9.

Amapá 2,1. Pará 46,2. Ceará 25,4 Pernambuco 22,3. Maranhão 17,4. Roraima 3,7. Tocantins 19,7. Rio Grande do Norte 7,5. Piauí 9,9. INFRAESTRUTURA Valores de investimentos sugeridos pelo Plano CNT de Transporte e Logística 2014 em todos os Estados brasileiros, incluindo os diferentes modais (em R$ bilhões) Tocantins 19,7 Roraima 3,7

Leia mais

Perspectivas do mercado de tratamento de águas e efluentes

Perspectivas do mercado de tratamento de águas e efluentes por Bruna Lavrini Perspectivas do mercado de tratamento de águas e efluentes Segundo fontes do setor, 2013 deve ser mais promissor do que 2012 O ano de 2012 está acabando e é necessário fazer um balanço

Leia mais

Em busca do fôlego perdido

Em busca do fôlego perdido gnv Em busca do fôlego perdido Distante dos tempos áureos de crescimento Em 2012, o etanol enfrentou safra ruim e preços elevados, em meio a uma crise que se arrasta desde 2008. Por causa disso, motoristas

Leia mais

ANEXO I BICICLETA ESCOLAR. Modelo de ofício para adesão à ata de registro de preços (GRUPO 1)

ANEXO I BICICLETA ESCOLAR. Modelo de ofício para adesão à ata de registro de preços (GRUPO 1) ANEXO I BICICLETA ESCOLAR Modelo de ofício para adesão à ata de registro de preços (GRUPO 1) Assunto: Adesão à ata de registro de preços nº 70/2010 do pregão eletrônico nº 40/2010. 1 2 BICICLETA 20 - AC,

Leia mais

A Empresa. Planejamento e Projetos. Serviços Especializados

A Empresa. Planejamento e Projetos. Serviços Especializados A Empresa Nenhum projeto é pequeno ou grande frente à variedade de produtos que disponibilizamos. A Locabens possui, em estoque, os melhores e mais adequados equipamentos para atender às necessidades específicas

Leia mais

PENSE 2012. PENSE SANY.

PENSE 2012. PENSE SANY. PENSE 2012. PENSE SANY. A Sany surpreendeu o mercado em 2011. Inaugurou em tempo recorde sua fábrica em São José dos Campos, montou uma completa estrutura de dealers para vendas e pós-vendas e marcou presença

Leia mais

OBRAS DE INFRAESTRUTURA NO BRASIL

OBRAS DE INFRAESTRUTURA NO BRASIL OBRAS DE INFRAESTRUTURA NO BRASIL Estudo realizado com 259 empresas; Faturamento das empresas pesquisadas representando mais de 30% do PIB brasileiro; O objetivo principal é mapear e avaliar a importância

Leia mais

O Círculo Vicioso da Instabilidade Política e a Necessidade de Planejamento Estratégico de Longo Prazo

O Círculo Vicioso da Instabilidade Política e a Necessidade de Planejamento Estratégico de Longo Prazo O Círculo Vicioso da Instabilidade Política e a Necessidade de Planejamento Estratégico de Longo Prazo Figura importada dos relatórios do PPIAF - Public Private Infrastructure Advisory Facility (http://www.ppiaf.org/)

Leia mais

Apoio do BNDES ao Setor Ferroviário

Apoio do BNDES ao Setor Ferroviário Seminário Nacional IV Brasil nos Trilhos Apoio do BNDES ao Setor Ferroviário Nelson Siffert Área de Infraestrutura Brasília -Agosto/2010 O BNDES Evolução dos Ativos 386,6 R$ bilhões 277 151 152 164 175

Leia mais

OBJETIVOS DO EVENTO APRESENTAÇÃO DO PROGRAMA MINHA CASA MINHA VIDA II NIVELAMENTO DAS INFORMAÇÕES DIRIMIR DÚVIDAS COLHER SUGESTÕES

OBJETIVOS DO EVENTO APRESENTAÇÃO DO PROGRAMA MINHA CASA MINHA VIDA II NIVELAMENTO DAS INFORMAÇÕES DIRIMIR DÚVIDAS COLHER SUGESTÕES OBJETIVOS DO EVENTO APRESENTAÇÃO DO PROGRAMA MINHA CASA MINHA VIDA II NIVELAMENTO DAS INFORMAÇÕES DIRIMIR DÚVIDAS COLHER SUGESTÕES MINHA CASA, MINHA VIDA Ampliação das oportunidades de acesso das famílias

Leia mais

Aços Longos. Soluções Belgo Pronto

Aços Longos. Soluções Belgo Pronto Aços Longos Soluções Belgo Pronto Belgo Pronto Mais que um serviço de Corte e Dobra de aço, Belgo Pronto é um conjunto de soluções em aço para a execução da etapa estrutural de obras de todos os portes

Leia mais

Resultados do 2T09. Teleconferência de Resultados

Resultados do 2T09. Teleconferência de Resultados Resultados do 2T09 Teleconferência de Resultados Destaques do 2T09 2 Destaques do 2T09 em linha com a estratégia geral da Companhia Nossas conquistas do 2T09 são refletidas nos resultados da Companhia

Leia mais

Investir em autoestima e bem-estar é sempre um excelente negócio

Investir em autoestima e bem-estar é sempre um excelente negócio Investir em autoestima e bem-estar é sempre um excelente negócio Abrir uma empresa envolve paixão, razão e empatia. Ao optar por um segmento é preciso sentir-se parte dele. É preciso sentir-se bem. O mercado

Leia mais

Júlio Eduardo dos Santos

Júlio Eduardo dos Santos Júlio Eduardo dos Santos Secretário Nacional de Transporte e da Mobilidade Urbana Linha do Tempo 1965 a 2003 Extinção da GEIPOT Lei 10.233 / 2001 Criação da EBTU lei nº 6.261 em 1975 Extinção da EBTU Dec.

Leia mais

Pós-venda Mercedes-Benz preparado para os novos produtos e tecnologias

Pós-venda Mercedes-Benz preparado para os novos produtos e tecnologias Pós-venda Informação à Imprensa Pós-venda Mercedes-Benz preparado para os novos produtos e tecnologias Data: 23 de outubro de 2011 Todos os itens necessários para a nova linha de veículos já estão disponíveis

Leia mais

SOBRATEMA. Associação Brasileira de Tecnologia para Construção e Mineração

SOBRATEMA. Associação Brasileira de Tecnologia para Construção e Mineração SOBRATEMA Associação Brasileira de Tecnologia para Construção e Mineração MISSÃO, VISÃO E VALORES Visão Ser uma associação reconhecida nacional e internacionalmente, como referência do setor brasileiro

Leia mais

Luciano Coutinho Presidente

Luciano Coutinho Presidente O papeldo BNDES napromoçãodo desenvolvimento econômico e social do Brasil IV Fórum Internacional de comunicação e sustentabilidade Brasília, 26 de maio de 2011 Luciano Coutinho Presidente O Brasil ingressa

Leia mais

Sublimites estaduais de enquadramento para. Nacional 2012/2013. Vamos acabar com essa ideia

Sublimites estaduais de enquadramento para. Nacional 2012/2013. Vamos acabar com essa ideia Sublimites estaduais de enquadramento para o ICMS no Simples Nacional 2012/2013 Vamos acabar com essa ideia 4 CNI APRESENTAÇÃO Os benefícios do Simples Nacional precisam alcançar todas as micro e pequenas

Leia mais

Crescer agregando valor

Crescer agregando valor Crescer agregando valor Marcio Araujo de Lacerda Presidente do Conselho de Administração Maio de 2008 1/XX Orientações do Governo Mineiro Para Minas Gerais: Um Estado para Resultados Visão: Tornar Minas

Leia mais

POLITICAS PARA O TRÂNSITO SEGURO DE MOTOS

POLITICAS PARA O TRÂNSITO SEGURO DE MOTOS Seminário POLITICAS PARA O TRÂNSITO SEGURO DE MOTOS LEGISLAÇÃO, FISCALIZAÇÃO E POLÍTICA DE SEGURANÇA Brasília DF 13 de setembro de 2012 Regulamentação da atividade de mototaxista Mesmo diante da ausência

Leia mais

Linha de TANQUES Data da publicação: 2015 - nº 0703050 Ciber Equipamentos Rodoviários Ltda.

Linha de TANQUES Data da publicação: 2015 - nº 0703050 Ciber Equipamentos Rodoviários Ltda. Linha de Todas as fotos, ilustrações e especificações estão baseadas em informações vigentes na data da aprovação desta publicação. A Ciber Equipamentos Rodoviários Ltda. se reserva ao direito de alterar

Leia mais

Inventar com a diferenca,

Inventar com a diferenca, Inventar com a diferenca, cinema e direitos humanos PATROCÍNIO APOIO REALIZAÇÃO Fundação Euclides da Cunha O que é Inventar com a diferença: cinema e direitos humanos O projeto visa oferecer formação e

Leia mais

GERALDO ALCKMIN 18/10/2011

GERALDO ALCKMIN 18/10/2011 GERALDO ALCKMIN 18/10/2011 AÇÕES E PROJETOS HABITAÇÃO - 150 mil novas moradias nos próximos quatro anos, para atender a famílias que ganham até 5 salários mínimos, triplicando a produção de moradias no

Leia mais

Apresentação de Resultados 4T10

Apresentação de Resultados 4T10 Apresentação de Resultados 4T10 Disclaimer Esta apresentação pode incluir declarações que apresentem expectativas da Administração da Companhia sobre eventos ou resultados futuros. Todas as declarações

Leia mais

INFORME SARGSUS. Situação da Alimentação do Relatório de Gestão Ano 2013-2014 Informações sobre Plano e Programação Anual de Saúde

INFORME SARGSUS. Situação da Alimentação do Relatório de Gestão Ano 2013-2014 Informações sobre Plano e Programação Anual de Saúde INFORME SARGSUS Situação da Alimentação do Relatório de Gestão Ano 2013-2014 Informações sobre Plano e Programação Anual de Saúde 1 ESFERA MUNICIPAL 1.1 Relatório de Gestão Ano 2013 Até a presente data,

Leia mais

Visão Sany Concrete Show

Visão Sany Concrete Show Visão Sany Concrete Show Agosto de 2011 lançamento Sany inicia produção de bombas de concreto no Brasil A Sany do Brasil dá mais um passo na consolidação de suas operações. Depois do início da produção

Leia mais

0800 709 8000 - www.brasifmaquinas.com.br. Distribuidor exclusivo: Distrito Federal. Espírito Santo. Goiás. Minas Gerais. Paraná

0800 709 8000 - www.brasifmaquinas.com.br. Distribuidor exclusivo: Distrito Federal. Espírito Santo. Goiás. Minas Gerais. Paraná 0800 709 8000 - www.brasifmaquinas.com.br Distribuidor exclusivo: Distrito Federal. Espírito Santo. Goiás. Minas Gerais. Paraná Santa Catarina. São Paulo. Rio Grande do Sul. Tocantins ÍNDICE Confiança

Leia mais

SONDAGEM INDUSTRIAL PRIMEIRO TRIMESTRE DE 2004 RESULTADOS DE RIO BRANCO - ACRE

SONDAGEM INDUSTRIAL PRIMEIRO TRIMESTRE DE 2004 RESULTADOS DE RIO BRANCO - ACRE O QUE É A SONDAGEM INDUSTRIAL A Sondagem é uma pesquisa qualitativa realizada trimestralmente pela CNI e pelas Federações das s de 19 estados do país (AC, AL, AM, BA, CE, ES, GO, MG, MS, MT, PA, PB, PE,

Leia mais

Centro de Artes e Esportes Unificados, Sertãozinho SP. UBS Elpidio Moreira Souza AC. UPA município de Ribeirão Pires SP

Centro de Artes e Esportes Unificados, Sertãozinho SP. UBS Elpidio Moreira Souza AC. UPA município de Ribeirão Pires SP Centro de Artes e Esportes Unificados, Sertãozinho SP UBS Elpidio Moreira Souza AC Quadra da Escola Municipal Érico de Souza, Águas Lindas GO UPA município de Ribeirão Pires SP UBS Clínica da Família,

Leia mais

TRANSPORTE ESCOLAR PROGRAMAS DE APOIO DO GOVERNO FEDERAL

TRANSPORTE ESCOLAR PROGRAMAS DE APOIO DO GOVERNO FEDERAL TRANSPORTE ESCOLAR PROGRAMAS DE APOIO DO GOVERNO FEDERAL PAULO DE SENA MARTINS Consultor Legislativo da Área XV Educação, Cultura, Desporto, Ciência e Tecnologia MAIO/2008 Paulo de Sena Martins 2 2008

Leia mais

Texto para Coluna do NRE-POLI na Revista Construção e Mercado Pini Julho 2011

Texto para Coluna do NRE-POLI na Revista Construção e Mercado Pini Julho 2011 Texto para Coluna do NRE-POLI na Revista Construção e Mercado Pini Julho 2011 A QUALIDADE DA OFERTA DO NOVO ESTOQUE DE CONDOMÍNIOS LOGÍSTICOS COM FOCO NA DEMANDA E NO CENÁRIO ECONÔMICO ATUAL Pedro Poletto,

Leia mais

Resultados do 1T09. Teleconferência de Resultados. Lançamentos de 2008

Resultados do 1T09. Teleconferência de Resultados. Lançamentos de 2008 Resultados do 1T09 Teleconferência de Resultados Lançamentos de 2008 Felice (Nova Lima-MG) Beach Park Wellness Resort (Aquiraz-CE) ViVer Zona Sul (Porto Alegre-RS) Viver São J. Pinhais (São J. Pinhais-PR)

Leia mais

Brasil. 1º Congresso de Engenheiros da Língua Portuguesa

Brasil. 1º Congresso de Engenheiros da Língua Portuguesa Brasil 1º Congresso de Engenheiros da Língua Portuguesa Maurício Muniz Secretário do Programa de Aceleração do Crescimento SEPAC Ministério do Planejamento, Orçamento e Gestão PAC PROGRAMA DE ACELERAÇÃO

Leia mais

Fundação de Economia e Estatística Centro de Informações Estatísticas Núcleo de Contabilidade Social

Fundação de Economia e Estatística Centro de Informações Estatísticas Núcleo de Contabilidade Social Fundação de Economia e Estatística Centro de Informações Estatísticas Núcleo de Contabilidade Social COMENTÁRIOS ACERCA DOS NÚMEROS FINAIS DO PIB DO RS E DAS DEMAIS UNIDADES DA FEDERAÇÃO EM 2010 Equipe

Leia mais

A IMPORTÂNCIA DA LOGÍSTICA PARA O DESENVOLVIMENTO REGIONAL

A IMPORTÂNCIA DA LOGÍSTICA PARA O DESENVOLVIMENTO REGIONAL A IMPORTÂNCIA DA LOGÍSTICA PARA O DESENVOLVIMENTO REGIONAL 04/05/2011 Senado Federal - Comissão de Desenvolvimento Regional e Turismo O BRASIL EM NÚMEROS BASE PARA O CRESCIMENTO Os investimentos nas áreas

Leia mais

Resultados da Movimentação de Viagens Organizadas na Temporada de Inverno 2014

Resultados da Movimentação de Viagens Organizadas na Temporada de Inverno 2014 Resultados da Movimentação de Viagens Organizadas na Temporada de Inverno 2014 EQUIPE TÉCNICA DO IPETURIS Coordenação: Mariana Nery Pesquisadores: César Melo Tamiris Martins Viviane Silva Suporte: Gerson

Leia mais

Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento Secretaria de Produção e Agroenergia AÇÚCAR E ÁLCOOL NO BRASIL

Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento Secretaria de Produção e Agroenergia AÇÚCAR E ÁLCOOL NO BRASIL Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento Secretaria de Produção e Agroenergia AÇÚCAR E ÁLCOOL NO BRASIL Departamento da Cana-de-açúcar e Agroenergia MARÇO 2007 www.agricultura.gov.br daa@agricultura.gov.br

Leia mais

Mercedes-Benz apresenta o óleo lubrificante de sua própria marca

Mercedes-Benz apresenta o óleo lubrificante de sua própria marca Todos os itens necessários para a nova linha de veículos já estão disponíveis na Central de Distribuição de Peças da Mercedes-Benz em Campinas Empresa oferece treinamento a frotistas e concessionários

Leia mais

Visão dos armadores sobre potencial, investimentos e obstáculos no corredor Centro Norte SINDARPA

Visão dos armadores sobre potencial, investimentos e obstáculos no corredor Centro Norte SINDARPA Visão dos armadores sobre potencial, investimentos e obstáculos no corredor Centro Norte SINDARPA SINDARPA INSTITUCIONAL O Sindicato das Empresas de Navegação Fluvial e Lacustre e das Agências de Navegação

Leia mais

Sobratema Institucional

Sobratema Institucional 1 Sobratema Institucional SOBRATEMA M&T Peças e Serviços Construction Expo 1º Seminário Workshop Revista M&T Festa Associados Congresso ELACOM CHN (Construção Hoje Notícias) Pesquisa Frota Brasil Manual

Leia mais

A UNION MODAL LOGÍSTICA INTEGRADA LTDA. vem apresentar à sua empresa um programa completo de suporte às operações de logística, que atende aos

A UNION MODAL LOGÍSTICA INTEGRADA LTDA. vem apresentar à sua empresa um programa completo de suporte às operações de logística, que atende aos 2012 Apresentação Luiz José de Souza Neto Union Modal Logística Integrada Rua Teixeira de Freitas, 72, cj. 23 Santos / SP - Tel.: 13 30613387 luiz@unionmodal.com.br A UNION MODAL LOGÍSTICA INTEGRADA LTDA.

Leia mais

Logística e Gerenciamento da Cadeia de Suprimentos. Profª Caroline Pauletto Spanhol

Logística e Gerenciamento da Cadeia de Suprimentos. Profª Caroline Pauletto Spanhol Logística e Gerenciamento da Cadeia de Suprimentos Profª Caroline Pauletto Spanhol Cadeia de Abastecimento Conceitos e Definições Elementos Principais Entendendo a Cadeia de Abastecimento Integrada Importância

Leia mais

Injetoras Sopradoras. Máquinas para. plástico Romi

Injetoras Sopradoras. Máquinas para. plástico Romi Máquinas para plástico Romi Unidades fabris da ROMI em Santa Bárbara d Oeste - SP INOVAÇÃO + QUALIDADE ROMI: Desde 1930 produzindo tecnologia. Desde a sua fundação, a companhia é reconhecida pelo foco

Leia mais

Hábitos de Consumo e Compras Fim de ano e Natal 2015. Perspectivas da economia / Comprometimento de renda. Novembro/2015. Copyright Boa Vista SCPC 1

Hábitos de Consumo e Compras Fim de ano e Natal 2015. Perspectivas da economia / Comprometimento de renda. Novembro/2015. Copyright Boa Vista SCPC 1 Hábitos de Consumo e Compras Fim de ano e Natal 2015 Perspectivas da economia / Comprometimento de renda Novembro/2015 Copyright Boa Vista SCPC 1 Objetivo, metodologia e amostra o Objetivo: Pesquisa para

Leia mais

Acompanhe as principais notícias da Companhia de Desenvolvimento Industrial do Estado do Rio de Janeiro

Acompanhe as principais notícias da Companhia de Desenvolvimento Industrial do Estado do Rio de Janeiro Ano 5 / Nº 46 / Outubro/2015 Acompanhe as principais notícias da Companhia de Desenvolvimento Industrial do Estado do Rio de Janeiro GE Aviation anuncia investimento de US$ 55 milhões na GE Celma, unidade

Leia mais

Como a ferrovia pode contribuir com as operações no Porto de Santos

Como a ferrovia pode contribuir com as operações no Porto de Santos Como a ferrovia pode contribuir com as operações no Porto de Santos Câmara de Comércio Brasil-Argentina Julho de 2015 Guilherme Alvisi Gerente Geral de Negócios Carga Geral GUILHERME ALVISI Gerente Geral

Leia mais

PERFIL DOS FABRICANTES DE ESTRUTURAS DE AÇO. Resumo Executivo Pesquisa 2013

PERFIL DOS FABRICANTES DE ESTRUTURAS DE AÇO. Resumo Executivo Pesquisa 2013 PERFIL DOS FABRICANTES DE ESTRUTURAS DE AÇO Resumo Executivo Pesquisa 2013 APRESENTAÇÃO Em ação conjunta para o melhor conhecimento das capacidades do mercado brasileiro da construção em aço, o CBCA Centro

Leia mais

Infraestrutura e Logística do Brasil. Bahia. Situação atual e perspectivas futuras. Ministério dos Transportes. Salvador/BA, 20 de maio de 2013

Infraestrutura e Logística do Brasil. Bahia. Situação atual e perspectivas futuras. Ministério dos Transportes. Salvador/BA, 20 de maio de 2013 Infraestrutura e Logística do Brasil Bahia Situação atual e perspectivas futuras Salvador/BA, 20 de maio de 2013 Ministério dos Transportes Dimensão dos Transportes no Brasil/Bahia Malha Rodoviária Federal

Leia mais

Relatório Gerencial TECNOVA

Relatório Gerencial TECNOVA Relatório Gerencial TECNOVA Departamento de Produtos Financeiros Descentralizados - DPDE Área de Apoio à Ciência, Inovação, Infraestrutura e Tecnologia - ACIT Fevereiro de 2015 Marcelo Nicolas Camargo

Leia mais

FACULDADE BOA VIAGEM (FBV) Gestão de Marketing

FACULDADE BOA VIAGEM (FBV) Gestão de Marketing FACULDADE BOA VIAGEM (FBV) Gestão de Marketing Edson José de Lemos Júnior Ermeson Gomes da Silva Jardson Prado Coriolano da Silva Marcos Antonio Santos Marinho Rosinaldo Ferreira da Cunha RELATÓRIO GERENCIAL

Leia mais

Apresentação da Companhia. Setembro de 2010

Apresentação da Companhia. Setembro de 2010 Apresentação da Companhia Setembro de 2010 Comprovada capacidade de execução Visão geral da Inpar Empreendimentos por segmento (1) Modelo de negócios integrado (incorporação, construção e venda) Comercial

Leia mais

Daimler Trucks and Buses Template

Daimler Trucks and Buses Template Daimler Trucks and Buses Template S.B.C, 21 de Agosto de 2012 Anderson Flores - Vendas Caminhões Frotistas Área Security Classification Line 1 Mercedes-Benz do Brasil principais unidades ÁREA TOTAL: 1.000.000

Leia mais

Transporte Escolar nos Estados e no DF. Novembro/2011

Transporte Escolar nos Estados e no DF. Novembro/2011 Transporte Escolar nos Estados e no DF Novembro/2011 UFs onde existe terceirização total ou parcial (amostra de 16 UFs) AC AL AP AM DF GO MT MS PB PI RJ RN RO RR SE TO TERCEIRIZAÇÃO TERCEIRIZAÇÃO TERCEIRIZAÇÃO

Leia mais

PESQUISA de HONORÁRIOS e TENDÊNCIAS da CONSULTORIA no BRASIL 11ª edição- 2011 / 2012

PESQUISA de HONORÁRIOS e TENDÊNCIAS da CONSULTORIA no BRASIL 11ª edição- 2011 / 2012 Member of ICMCI International Council of Management Consulting Institutes PESQUISA de HONORÁRIOS e TENDÊNCIAS da CONSULTORIA no BRASIL 11ª edição 2011 / 2012 Av. Paulista, 326 Conj. 77 Bela Vista CEP 01310902

Leia mais

PESQUISA DE SATISFAÇÃO PARTICIPANTES

PESQUISA DE SATISFAÇÃO PARTICIPANTES PESQUISA DE SATISFAÇÃO PARTICIPANTES Brasília, janeiro/2011 Objetivos específicos da pesquisa 2 Avaliar a quantidade e a qualidade da rede credenciada. Avaliar os serviços oferecidos: o Plano CASSI Família

Leia mais

Impactos dos investimentos previstos no PIL 2015 nos corredores logístico de exportação. Apoio

Impactos dos investimentos previstos no PIL 2015 nos corredores logístico de exportação. Apoio Impactos dos investimentos previstos no PIL 2015 nos corredores logístico de exportação Apoio s previstos no PIL 2015 no Corredor Logístico Centro-Norte s estimados em R$ 29,5bilhões com o PIL 2015 Rodovias

Leia mais

A EVOLUÇÃO DAS MICROEMPRESAS E EMPRESAS DE PEQUENO PORTE 2009 A 2012

A EVOLUÇÃO DAS MICROEMPRESAS E EMPRESAS DE PEQUENO PORTE 2009 A 2012 A EVOLUÇÃO DAS MICROEMPRESAS E EMPRESAS DE PEQUENO PORTE 2009 A 2012 BRASIL Série Estudos e Pesquisas A EVOLUÇÃO DAS MICROEMPRESAS E EMPRESAS DE PEQUENO PORTE DE 2009 A 2012 Junho/2014 Estudos e Pesquisas

Leia mais

De janeiro a junho de 2013 as indenizações pagas pelo Seguro DPVAT registraram crescimento de 38% ante mesmo período de 2012.

De janeiro a junho de 2013 as indenizações pagas pelo Seguro DPVAT registraram crescimento de 38% ante mesmo período de 2012. De janeiro a junho de 2013 as indenizações pagas pelo Seguro DPVAT registraram crescimento de 38% ante mesmo período de 2012. Os casos de Invalidez Permanente representaram a maioria das indenizações pagas

Leia mais

Excelência. locações e transporte Ltda. www.excelenciaguindastes.com.br

Excelência. locações e transporte Ltda. www.excelenciaguindastes.com.br www.excelenciaguindastes.com.br A Guindastes e uma empresa de Goiânia Goiás QUEM SOMOS que presta serviço em todo território nacional no segmento de Locação de Guindastes, Locação de Munck, Grupo Geradores,

Leia mais

PERFIL DAS EMPRESAS APOIADAS PELO PROGRAMA DE SUBVENÇÃO ECONÔMICA 2006 A 2009

PERFIL DAS EMPRESAS APOIADAS PELO PROGRAMA DE SUBVENÇÃO ECONÔMICA 2006 A 2009 2011 Financiadora de Estudos e Projetos (FINEP) Diretoria de Inovação (DRIN) Departamento de Acompanhamento (DAC) PERFIL DAS EMPRESAS APOIADAS PELO PROGRAMA DE SUBVENÇÃO ECONÔMICA 2006 A 2009 Janeiro/2011

Leia mais

O SISTEMA DE AQUECIMENTO SOLAR NO PROGRAMA MINHA CASA MINHA VIDA. Mara Luísa Alvim Motta Gerente Executiva GERÊNCIA NACIONAL DE MEIO AMBIENTE

O SISTEMA DE AQUECIMENTO SOLAR NO PROGRAMA MINHA CASA MINHA VIDA. Mara Luísa Alvim Motta Gerente Executiva GERÊNCIA NACIONAL DE MEIO AMBIENTE O SISTEMA DE AQUECIMENTO SOLAR NO PROGRAMA MINHA CASA MINHA VIDA Mara Luísa Alvim Motta Gerente Executiva GERÊNCIA NACIONAL DE MEIO AMBIENTE Crédito Imobiliário 2003 a 2010 75,92 47,05 275.528 MCMV 660.980

Leia mais

Locação: cada vez mais em movimento ascendente

Locação: cada vez mais em movimento ascendente 60 edição nº 116 Out 2011 Empilhadeiras Locação: cada vez mais em movimento ascendente O segmento de locação de máquinas passou por muitas mudanças nos últimos anos, basicamente decorrentes da otimização

Leia mais

PODE SER CLASSIFICADA EM TRÊS GRANDES SEGMENTOS CONSTRUÇÃO PESADA MONTAGENS INDUSTRIAIS E EXTRAÇÃO MINERAL MILHÕES

PODE SER CLASSIFICADA EM TRÊS GRANDES SEGMENTOS CONSTRUÇÃO PESADA MONTAGENS INDUSTRIAIS E EXTRAÇÃO MINERAL MILHÕES A CONSTRUÇÃO CIVIL PODE SER CLASSIFICADA EM TRÊS GRANDES SEGMENTOS CONSTRUÇÃO PESADA MONTAGENS INDUSTRIAIS E EXTRAÇÃO MINERAL EDIFICAÇÕES INDUSTRIAIS, COMERCIAIS E RESIDENCIAIS CONSTRUÇÃO CIVIL É UM DOS

Leia mais

Geração de Emprego Formal no NOTA CONJUNTURAL DO OBSERVATÓRIO DAS MICRO E PEQUENAS EMPRESAS NO ESTADO DO RIO DE JANEIRO, JULHO DE 2011

Geração de Emprego Formal no NOTA CONJUNTURAL DO OBSERVATÓRIO DAS MICRO E PEQUENAS EMPRESAS NO ESTADO DO RIO DE JANEIRO, JULHO DE 2011 Geração de Emprego Formal no RIO DE JANEIRO NOTA CONJUNTURAL DO OBSERVATÓRIO DAS MICRO E PEQUENAS EMPRESAS NO ESTADO DO RIO DE JANEIRO, JULHO DE 211 1 211 O crescimento da economia fluminense nos últimos

Leia mais

AGENDA DE SEMINÁRIOS CALENDÁRIO 2016/1

AGENDA DE SEMINÁRIOS CALENDÁRIO 2016/1 AGENDA DE SEMINÁRIOS CALENDÁRIO 2016/1 AGENDA DE SEMINÁRIOS CALENDÁRIO 2016/1 >> INFORMAÇÕES GERAIS Os treinamentos são realizados no Centro de Treinamento, nas instalações da Ciber Equipamentos Rodoviários

Leia mais

Assistência Técnica ThyssenKrupp Elevadores

Assistência Técnica ThyssenKrupp Elevadores Serviços de Assistência Técnica ThyssenKrupp Elevadores 1 Fábrica em Guaíba - RS 2 ThyssenKrupp Elevadores A Empresa A ThyssenKrupp Elevadores atua em todo o território nacional, representada por suas

Leia mais

$ $ Sem folga à vista

$ $ Sem folga à vista gasolina Sem folga à vista Nunca se consumiu tanta gasolina no Brasil. Somente em, a demanda cresceu 12%, totalizando 39,7 milhões de metros cúbicos. Um patamar recorde, especialmente se levarmos em conta

Leia mais

Encontro para fomento da Micro e Pequena Empresa no entorno do EEP SICM Salvador - 04/06/2013

Encontro para fomento da Micro e Pequena Empresa no entorno do EEP SICM Salvador - 04/06/2013 Encontro para fomento da Micro e Pequena Empresa no entorno do EEP SICM Salvador - 04/06/2013 Gerente de Relações Institucionais Marcio Mendonça Cruz Revitalização Revitalização da da indústria indústria

Leia mais

Ranking nacional mostra PI em 6º com mais pessoas flagradas dirigindo sem CNH

Ranking nacional mostra PI em 6º com mais pessoas flagradas dirigindo sem CNH Levantamento divulgado pela Polícia Rodoviária Federal aponta um novo dado preocupante relacionado ao tráfego de veículos em BRs. De acordo com o Departamento Nacional da PRF, somente nos feriados prolongados

Leia mais

Interior de SP. Mailing Jornais

Interior de SP. Mailing Jornais São Paulo AGORA SÃO PAULO BRASIL ECONÔMICO D.C.I. DESTAK (SP) DIÁRIO DO COMMERCIO (SP) DIÁRIO DE SÃO PAULO DIÁRIO DO GRANDE ABC EMPREGO JÁ (SP) EMPREGOS & CONCURSOS (SP) EMPRESAS & NEGÓCIOS (SP) FOLHA

Leia mais

Seminário Terminais, Ferrovias e Contêineres

Seminário Terminais, Ferrovias e Contêineres Seminário Terminais, Ferrovias e Contêineres Data: 26 de maio Local: São Paulo O Grupo Ultra Ano 08 EBITDA RECEITA LÍQUIDA R$ 1.064 BL R$ 28.268 MM Resultados R$ 593 MM R$ 211 MM R$ 210 MM R$ 51 MM ULTRAPAR

Leia mais

Energia e Infraestrutura

Energia e Infraestrutura 1 33º Encontro Econômico Brasil-Alemanha 2015 Energia e Infraestrutura Wagner Cardoso Gerente Executivo de Infraestrutura Confederação Nacional da Indústria Joinville, 22 de setembro de 2015 2 SUMÁRIO

Leia mais

SCC SEGURO DOS CONCESSIONÁRIOS CHEVROLET DIRETRIZES BASICAS

SCC SEGURO DOS CONCESSIONÁRIOS CHEVROLET DIRETRIZES BASICAS SCC SEGURO DOS CONCESSIONÁRIOS CHEVROLET DIRETRIZES BASICAS O objetivo do programa é combinar a sinergia existente entre concessionárias e seguradoras a fim de que, mediante a fidelização dos clientes,

Leia mais

Objetivo 3.2. Melhorar a infra-estrutura de transporte e logística do Estado. As prioridades estaduais, segundo a visão da indústria, estão na

Objetivo 3.2. Melhorar a infra-estrutura de transporte e logística do Estado. As prioridades estaduais, segundo a visão da indústria, estão na Objetivo 3.2. Melhorar a infra-estrutura de transporte e logística do Estado. As prioridades estaduais, segundo a visão da indústria, estão na ampliação do número de terminais portuários, rodovias, ferrovias

Leia mais

Equipamentos Portuários

Equipamentos Portuários REVISTA Nº 15 março de 2014 www.sanydobrasil.com Equipamentos Portuários Reach Stacker tem eletrônica sofisticada ideal para aumentar produtividade logística de portos e terminais brasileiros Mineração

Leia mais

Boletim Informativo do Grupo Premodisa

Boletim Informativo do Grupo Premodisa Nº36 DEZ. 2014 Boletim Informativo do Grupo Premodisa Mais qualidade e qualificação Mudanças aperfeiçoam planejamento e produtividade. Acesse aqui. Alunos da FACENS visitam Grupo Premodisa Estudantes de

Leia mais

O Desempenho do Investimento Público do Ceará, 2007 2012, uma análise comparativa entre os Estados.

O Desempenho do Investimento Público do Ceará, 2007 2012, uma análise comparativa entre os Estados. Enfoque Econômico é uma publicação do IPECE que tem por objetivo fornecer informações de forma imediata sobre políticas econômicas, estudos e pesquisas de interesse da população cearense. Por esse instrumento

Leia mais

LEVANTAMENTO FISCAL SITE KADOX

LEVANTAMENTO FISCAL SITE KADOX LEVANTAMENTO FISCAL SITE KADOX SUMÁRIO 1 ICMS 1.1 CONTRIBUINTE 1.2 FATO GERADOR DO IMPOSTO 1.3 BASE DE CÁLCULO DO IMPOSTO 1.4 REDUÇÃO DA BASE DE CÁLCULO 1.5 CARTA DE CORREÇÃO 1.6 CÓDIGO DA SITUAÇÃO TRIBUTÁRIA

Leia mais