Tutorial : Global Service Coverage Validator (GSCV) Abril 2012

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Tutorial : Global Service Coverage Validator (GSCV) Abril 2012"

Transcrição

1 Tutorial : Global Service Coverage Validator (GSCV) Abril 2012

2 Tópicos 1. Sobre o GSCV 2. Configuração inicial do usuário 3. Processo de busca de cobertura Telas 4. Processo de busca de cobertura Dados geográficos 5. Processo de busca de cobertura Filtro 6. Processo de busca de cobertura Remover filtro 7. Processo de busca de cobertura Melhores práticas 8. Mapeamento de dados a. Linhas do produto(lobs) b. Tipo de serviço c. Nível de serviço d. Período e. Provedor f. Nota 9. Formato do código postal(cep) - por país 2 Confidential 6/20/2012 Global Field Services

3 Sobre a ferramenta Global Service Coverage Validator Modelo de suporte, controle, Ownership O GSCV é usado para fornecer detalhes sobre as capacidades de cobertura, lógica de despacho no Delta, Despacho dinâmico, vendas futuras, integrações M&A e gerenciamento de dados mestres. Aplicação & Suporte ao Processo Times de desenvolvimento de TI Time IT ISP (Delta) Centro de comando Business Units Recordes (em Milhões) Controle de dados Time de análise de negócio Time de FS Improvement EMEA APJ US/CA LA Áreas de atuação & Relacionamentos Future State Dispatch (Delta, Maestro, Rules Engine) DCSS (AP Legacy Dispatching) Compellent Quote Centre Busca Manual(Sales, TS, etc) DCCMT (Command Centre Monitoring Tool) Partner Onboarding 204 M 100 M 6.4 M 2 M GSCV Informação dos Clientes Ownership dos dados Vendas Suporte técnico Marketing TAMs Times de Alliance Mgmt Gerentes de DLP Program Time de desenvolvimento de M&A Deployment 3 Confidential Global Deployment and Field Services (GDF) Global Field Services

4 Processo de configuração inicial do usuário Tela inicial de configuração do usuário Para definir suas preferências: Entre com os seus detalhes em cada um dos campos. Você pode pode mudá-los a qualquer momento, se necessário.

5 Passos para busca de cobertura no GSCV Processo de busca de cobertura Attribute Geo data * Cobertura DASP não está disponível no GSCV Inicie a busca inserindo as seguintes informações: Passo 1: Dados Geográficos (Obrigatório: Região/País/Estado/Cidade OU Região/País/Código Postal(CEP)) Passo 2: Atributo (Não obrigatório mas recomendado para restringir a busca) A Cobertura varia por LOB, por isso é altamente recomendado que você faça o filtro por LOB

6 Processo de busca de cobertura Essa opção deve ser selecionada quando você quiser ver a cobertura para o endereço selecionado mais qualquer cobertura configurada em níveis inferiores(busca mais refinada). Exemplo: Você seleciona o estado de Chihuahua, mas não seleciona nenhuma cidade ou código postal(cep). - Se essa opção não estiver selecionada, irá mostrar apenas registros do estado de 'chihuahua' - Se essa opção estiver selecionada, irá mostrar registros com - as cidades dentro do estado de 'chihuahua' + - códigos postais de qualquer uma dessas cidades

7 Processo de busca de cobertura Essa opção deve ser selecionada quando você quiser ver a cobertura para o endereço selecionado mais qualquer cobertura configurada em níveis superiores(mais genérica). Exemplo: Você seleciona o endereço acima. Se a caixa estiver selecionada, irá mostrar - Registros com esse código postal (CEP)+ - Registros para toda a cidade de Ascencion + - Registros para todo o estado de chihuahua + - Registros para o México inteiro

8 Processo de busca de cobertura: Dados Geográficos Passo 1: Métodos para selecionar os dados geográficos: O usuário pode usar qualquer uma das opções abaixo para selecionar dados geográficos para busca de cobertura A. Pelo país: 1. Selecione região da lista suspensa 2. Selecione país da lista suspensa 3. Selecione Mostrar cobertura de nível inferior 4. Você verá no máximo 250 registros, por isso essa opção de busca deve ser usada para países pequenos com poucos registros Método preferido: Todas as outras regiões D. Pelo País/Código Postal 1. Selecione região da lista suspensa 2. Selecione país da lista suspensa 3. Digite código postal usando o formato fornecido 4. Selecione 'Mostrar cobertura de nível superior 5. Você verá no máximo 250 registros, se mais registros forem mostrados você terá que configurar alguns filtros. B. Pelo País/Estado: 1. Selecione região da lista suspensa 2. Selecione país da lista suspensa 3. Selecione estado da lista suspensa 4. Selecione Mostrar cobertura de nível inferior 5. Você verá no máximo 250 registros, por isso essa opção de busca deve ser usada para países pequenos com poucos registros Método preferido: LA, China C. Pelo País/Estado/Cidade: 1. Selecione região da lista suspensa 2. Selecione país da lista suspensa 3. Selecione estado da lista suspensa 4. Selecione cidade da lista suspensa 5. Selecione Mostrar cobertura de nível inferior 6. Você verá no máximo 250 registros, por isso essa opção de busca deve ser usada para países pequenos com poucos registros E. Pelo País/Estado/Cidade/Código Postal: 1. Selecione região da lista suspensa 2. Selecione país da lista suspensa 3. Selecione estado da lista suspensa 4. Selecione cidade da lista suspensa 5. Enter postcode using format provided 6. Selecione 'Mostrar cobertura de nível superior 7. Você verá no máximo 250 registros, se mais registros forem mostrados você terá que configurar alguns filtros.

9 Passo 2: Você pode ser capaz de filtrar por um ou mais dos seguintes atributos : (Perceba que nem todas as opções de atributo não estão disponíveis para todos os usuários) 1. Código de linha de produto 2. Nome de linha de produto 3. Código de tipo de serviço 4. Nome do tipo de serviço 5. Código do nível de serviço 6. Nome do nível de serviço Passos para selecionar o filtro: 1. Selecione Atributo 2. Digite Valor (A lista de todos os valores para cada tributo estão disponíveis nas páginas seguintes) 3. Clique em Adicionar filtro Você pode adicionar múltiplos filtros, um de cada vez 4. Clique em Busca Processo de busca de cobertura: Filtro 7. Código do Período 8. Descrição do período 9. Código do provedor (apenas para usuários GDF) 10. Nome do provedor (apenas para usuários GDF) 11. Tipo de Nota 12. Nome da Nota Exemplo: Filtrar por: 1. Tipo de serviço = PAR 2. Linha de produto = DT 3. Nível de serviço = *HR (Todas as opções de serviço no mesmo dia)

10 Processo de busca de cobertura : Remover filtro Passos para remover um filtro: 1. Selecione a caixa de seleção próxima ao filtro que você quer que seja removido 2. Clique em Remover filtro Exemplo: 1. Existem 3 filtros selecionados Código da Linha de produto, Código do tipo de serviço, código do nível de serviço. 2. O usuário quer remover tipo de serviço e nível de serviço 3. Selecione a caixa de seleção próximo ao tipo de serviço e nível de serviço 4. Clique em Remover filtro

11 Processo de busca de cobertura: Melhores práticas 1. Obrigatório: Todos os caracteres no campo Valor devem ser digitados em letra maiúscula CAPS 2. Para agrupar a busca por níveis de serviço (2HR, 4HR, NBD etc.) Classificar por coluna código do nível de serviço (Clique no cabeçalho do 'Código de nível de serviço ') 3. Para buscar por combinações 1 disponíveis de Parts and labor (ou PAR, LAB, CAR etc) Selecione o valor do atributo tipo de serviço' = PL (ou PAR, LAB, CAR etc.) 4. Para buscar todos os caracteres antes ou depois um caractere no vampo valor Selecione o atributo nível de serviço e valor = * (por exemplo: *HR ou *BD) 5. Para buscar por same day service level, digite *HR no atributo 6. Para buscar next day service level, digite *BD no atributo 7. Se a ferramenta retornar com muitos registros, adicione filtros relevantes a sua busca Por exemplo: - Nome da linha de produto(desktops, Notebooks etc.) - Tipo de serviço (PAR, LAB etc.) - Nível de serviço (2HR, 4HR etc.) 8. Se você estiver buscando por País/Estado/Cidade/Código Postal e não receber nenhum resultado em uma busca, refaça a busca usando País/Estado/Cidade e clique em 'cobertura de nível inferior 9. Se você estiver buscando por País/Estado/Cidade - para digitar a cidade, você vai precisar do nome do estado. Se você tem a cidade, você pode pesquisar na internet o nome do estado e então selecionar o estado e cidade. Por exemplo: O endereço é - Av Juscelino K de Oliveira Cic Curitiba, Brazil O Google mostra que Curitiba está no estado do Parana 10. Dados EUA/CA Atualmente, estamos no processo de atualização dos dados dos EUA/CA(Previsão: Novembro 2012) Para registro, se existe cobertura para CO, então nós temos cobertura para todas LOBs de enterprise. Para registro, se não existe uma LOB listada na coluna Nome da linha de produto', a cobertura naquele registro aplica-se a todas LOBs. 11. Cobertura de missão crítica Para um local específico se você tiver cobertura de 4HR 24x7 LAB, você pode oferecer missão crítica de 4HR naquele local 1 Atualmente, a combinação de cobertura Parts and Labor está disponível somente em LA, em outras regiões somente TBD

12 Mapeamento de dados no GSCV Global Field Services

13 Processo de Busca de Cobertura: Linha de produto Mapeamento: Código e nome da linha de produto

14 Processo de Busca de Cobertura: Tipo de Serviço Mapeamento: Código e nome do tipo de serviço

15 Processo de Busca de Cobertura: Nível do Serviço Mapeamento: Nome e código do Nível do Serviço Code Name Code Name 2HR 2 HOUR 4BD 4 BUSINESS DAYS PO2 PARTS ONLY - 2 HOUR C4BD CARRY IN SERVICE-4 BUSINESS DAY 3HR 3 HOUR 5BD 5 BUSINESS DAYS 4HR 4 HOUR 6BD 6 BUSINESS DAYS PO4 PARTS ONLY - 4 HOUR C6BD CARRY IN SERVICE-6 BUSINESS DAY 2+4HR 2+4HR 7BD 7 BUSINESS DAYS 6HR 6HR 8BD 8 BUSINESS DAYS 8HR 8 HOUR 10BD 10 BUSINESS DAYS 4+4HR 4+4HR W UD W UD 6+6HR 6+6HR CAR COLLECT & RETURN SBD SAME BUSINESS DAY BE BEST EFFORT NBD NEXT BUSINESS DAY POW BE PARTS ONLY W ARRANTY - BEST EFFORT CNBD CARRY IN SERVICE-NEXT BUSINESS DAY 20BD 20 BUSINESS DAY DP4 DASP PARTS REPLACEMENT N/A N/A DP5 DASP ADVANCE PARTS REPLACEMENT POW PARTS ONLY W ARRANTY 2BD 2 BUSINESS DAYS 3BD THIRD BUSINESS DAY C3BD CARRY IN SERVICE-THIRD BUSINESS DAY 1+3 NEXT BUSINESS DAY+3

16 Processo de Busca de Cobertura: Período Mapeamento: Código e nome de Período

17 Processo de Busca de Cobertura: Provedor: ANZ, CA Mapeamento: Nome e código de Provider

18 Processo de Busca de Cobertura: Provedor: CCC Mapeamento: Nome e código de Provider

19 rocesso de Busca de Cobertura: Provedor: IN & Korea Mapeamento: Nome e código de Provider

20 Processo de Busca de Cobertura: Provedor: US Mapeamento: Nome e código de Provider Nome e código Provider : EMEA & South Asia/Taiwan

21 rocesso de Busca de Cobertura: Provedor: LA & Japan Mapeamento: Nome e código de Provider

22 Mapeamento: Tipo e nome de Note Type Processo de Busca de Cobertura: Nota

23 Formato do Código Postal All countries EMEA 1. UK Digite o código postal somente até o espaço, por exemplo: a. SW1A 0AA deve ser escrito SW1A ou b. CR3 3LP deve ser escrito CR3 2. Portugal Digite o código postal até o traço, por exemplo: a deve ser escrito 1166 b deve ser escrito Holanda Somente os quatro primeiros dígitos a AA deve ser escrito 6700 b ZZ deve ser escrito Canada primeiros 5 dígitos (XXX X) a. K8N 5W6 deve ser escrito K8N 5 b. V9A 7N2 deve ser escrito V9A 7 5. Norte and Sul da Irlanda (código do país =IE) a. BTxx norte da Irlanda b. xx sul da Irlanda Asia 1. India - sem espaço ou traço,por exemplo: XXXXXX 2. Japão, por exemplo: XXX-XXXX 3. Singapura: Somente 2 dígitos devem ser mantidos no GSCV,por exemplo: XX 4. China, Hongkong, Macau Busca pelo nome da cidade 5. Os países abaixo possuem o código postal como 0 no GSCV, faça a busca pelo nome da cidade: BANGLADESH BRUNEI DARUSSALAM BUTÃO FIJI GUAM INDONÉSIA CAMBOJA QUIRIBATI REPÚBLICA DEMOCRÁTICA POPULAR DO LAOS SRI LANKA MIANMAR MONGÓLIA ILHAS MARIANAS DO NORTE MALDIVAS NEPAL PAPUA NOVA GUINÉ FILIPINAS PALAU TONGA TUVALU WALLIS E FUTUNA SAMOA 6. Os países abaixo não possuem código postal no GSCV, faça a busca pelo nome da cidade FIJI HONG KONG QUIRIBATI REPÚBLICA DEMOCRÁTICA POPULAR DA CORÉIA MACAU NAURU NIUE ILHAS SALOMÃO REPUBLICA ÁRABE DA SÍRIA TOKELAU TIMOR-LESTE TONGA TUVALU VANUATU

Quadro Geral de Regime de Vistos para a Entrada de Estrangeiros no Brasil

Quadro Geral de Regime de Vistos para a Entrada de Estrangeiros no Brasil Quadro Geral de Regime de Vistos para a Entrada de Estrangeiros no Brasil País Afeganistão África do Sul Albânia Alemanha Andorra Angola Antígua e Barbuda Arábia Saudita Argélia Argentina Armênia Austrália

Leia mais

Brasil 2012 SERVIÇOS E TARIFAS

Brasil 2012 SERVIÇOS E TARIFAS SERVIÇOS E TARIFAS Soluções FedEx para o seu negócio Caso você tenha necessidade de enviar documentos urgentes, economizar em remessas regulares ou enviar cargas pesadas, a FedEx tem uma solução de transporte

Leia mais

Brasil 2015. FedEx International Priority. FedEx International Economy 3

Brasil 2015. FedEx International Priority. FedEx International Economy 3 SERVIÇOS E TARIFAS Soluções FedEx para o seu negócio Caso você tenha necessidade de enviar documentos urgentes, economizar em remessas regulares ou enviar cargas pesadas, a FedEx tem uma solução de transporte

Leia mais

Ásia e a Pena de Morte

Ásia e a Pena de Morte Ásia e a Pena de Morte Na Ásia, 27 países aboliram a pena de morte na lei ou na prática. Abolicionistas para todos os crimes = Austrália, Butão, Camboja, Ilhas Cook, Kiribati, Ilhas Marshall, Micronésia,

Leia mais

Introdução... 14. 1. Brasões de Armas da África... 16 1.1. África do Sul... 16

Introdução... 14. 1. Brasões de Armas da África... 16 1.1. África do Sul... 16 Sumário Introdução... 14 1. Brasões de Armas da África... 16 1.1. África do Sul... 16 1.1.1. Brasões de Armas da África do Sul... 18 1.1.2. Brasão de armas e Botswana... 23 1.1.3. Brasão de armas do Lesoto...

Leia mais

ANEXO 17 TABELA DENACIONALIDADES EPAÍSES (CARTÃO SUS)

ANEXO 17 TABELA DENACIONALIDADES EPAÍSES (CARTÃO SUS) ANEXO 17 TABELA DENACIONALIDADES EPAÍSES (CARTÃO SUS) NACIONALIDADES Cód. Afeganistão 101 África do Sul 102 Albânia 103 Alemanha 104 Ando ra 105 Angola 106 Angui la 107 Antigua e Barbuda 108 Antilhas Holandesas

Leia mais

A) Lista dos países terceiros cujos nacionais devem possuir um visto para transporem as fronteiras externas. 1. Estados:

A) Lista dos países terceiros cujos nacionais devem possuir um visto para transporem as fronteiras externas. 1. Estados: Lista dos países terceiros cujos nacionais estão sujeitos à obrigação de visto para transporem as fronteiras externas e lista dos países terceiros cujos nacionais estão isentos dessa obrigação A) Lista

Leia mais

PROCEDIMENTOS MIGRATÓRIOS E DOCUMENTOS DE VIAGEM

PROCEDIMENTOS MIGRATÓRIOS E DOCUMENTOS DE VIAGEM PROCEDIMENTOS MIGRATÓRIOS E DOCUMENTOS DE VIAGEM 1 PROCEDIMENTOS MIGRATÓRIOS E DOCUMENTOS DE VIAGEM PROCEDIMENTOS MIGRATÓRIOS E DOCUMENTOS DE VIAGEM 2 17. TABELA DE VISTOS Apresentamos a seguir uma tabela

Leia mais

Argentina Dispensa de visto, por até 90 dias Dispensa de visto, por até 90 dias. Entrada permitida com Cédula de Identidade Civil

Argentina Dispensa de visto, por até 90 dias Dispensa de visto, por até 90 dias. Entrada permitida com Cédula de Identidade Civil PAÍS Visto de Turismo Visto de Negócios Observação Afeganistão Visto exigido Visto exigido África do Sul Dispensa de visto, por até 90 dias Dispensa de visto, por até 90 dias Albânia Dispensa de visto,

Leia mais

Argentina Dispensa de visto, por até 90 dias Dispensa de visto, por até 90 dias. Entrada permitida com Cédula de Identidade Civil

Argentina Dispensa de visto, por até 90 dias Dispensa de visto, por até 90 dias. Entrada permitida com Cédula de Identidade Civil PAÍS Visto de Turismo Visto de Negócios Observação Afeganistão Visto exigido Visto exigido África do Sul Dispensa de visto, por até 90 dias Dispensa de visto, por até 90 dias Albânia Dispensa de visto,

Leia mais

Entrance Visas in Brazil ( Updating on 01/11/2013 )

Entrance Visas in Brazil ( Updating on 01/11/2013 ) Entrance Visas in Brazil ( Updating on 01/11/2013 ) Legend # Entrance allowed by presenting Civil Identity Card * - Maximum stay of 90 days every 180 days For more informations: Phone: +55 11 2090-0970

Leia mais

Central de Atos TJMG. Manual Técnico de Informática Versão 1.1

Central de Atos TJMG. Manual Técnico de Informática Versão 1.1 Central de Atos TJMG Manual Técnico de Informática Versão 1.1 Sumário 1 Introdução... 3 2 O modelo de arquivo... 3 3 Tabelas... 5 3.1 PAPEIS DA PARTE... 5 3.2 TIPO DE ATO... 5 3.3 PAÍSES... 6 1 Introdução

Leia mais

IX. Dispensa de Visto de Entrada para Portadores de Passaporte e de Título de Viagem da RAEM

IX. Dispensa de Visto de Entrada para Portadores de Passaporte e de Título de Viagem da RAEM IX. Dispensa de Visto de Entrada para Portadores de Passaporte e de (países ordenados por continente) Ásia Brunei 14 dias --- Camboja 30 dias c) --- Coreia do Sul 90 dias --- Filipinas 14 dias --- Indonésia

Leia mais

Quadro Geral de Regime de Vistos para a Entrada de Estrangeiros no Brasil (Atualizado em 24/11/2015) Legenda

Quadro Geral de Regime de Vistos para a Entrada de Estrangeiros no Brasil (Atualizado em 24/11/2015) Legenda Ministério das Relações Exteriores Subsecretaria-Geral das Comunidades Brasileiras no Exterior Departamento de Imigração e Assuntos Jurídicos Divisão de Imigração Quadro Geral de Regime de Vistos para

Leia mais

DIRETRIZES PARA PAGAMENTO (POR PAÍS)

DIRETRIZES PARA PAGAMENTO (POR PAÍS) PT (115) DIRETRIZES PARA PAGAMENTO (POR PAÍS) Este documento tem o propósito de informar rotarianos sobre opções de pagamento e dados necessários para recebimento de fundos do Rotary. Consulte a lista

Leia mais

L A E R T E J. S I L V A

L A E R T E J. S I L V A MINISTÉRIO DAS RELAÇÕES EXTERIORES Subsecretaria-Geral das Comunidades Brasileiras no Exterior Departamento de Imigração e Assuntos Jurídicos Divisão de Imigração Quadro Geral de Regime de Vistos para

Leia mais

Necessidade de visto para. Não

Necessidade de visto para. Não País Necessidade de visto para Turismo Negócios Afeganistão África do Sul Albânia, Alemanha Andorra Angola Antígua e Barbuda Arábia Saudita Argélia. Argentina Ingresso permitido com Cédula de Identidade

Leia mais

JORGE SUKARIE NETO Campos de Jordão. 23 de Maio

JORGE SUKARIE NETO Campos de Jordão. 23 de Maio JORGE SUKARIE NETO Campos de Jordão. 23 de Maio AGENDA HORÁRIO ATIVIDADE LOCAL 07h00 Café da Manhã Restaurante Principal 08h45 Abertura Brasoftware Salão Tangará 10h00 Business Suite Salão Nobre 13h00

Leia mais

Plano específico para a modalidade LDI (Longa Distância Internacional) utilizando o CSP (Código de Seleção da Prestadora) 17 da Transit.

Plano específico para a modalidade LDI (Longa Distância Internacional) utilizando o CSP (Código de Seleção da Prestadora) 17 da Transit. A. NOME DA EMPRESA Transit do Brasil S.A. B. NOME DO PLANO Plano Básico de Serviço LDI (Longa Distância Internacional). C. IDENTIFICAÇÃO PARA A ANATEL Plano Básico de Serviço LDI (Longa Distância Internacional).

Leia mais

XI. Dispensa de Visto de Entrada para Portadores de Passaporte e de Título de Viagem da RAEM

XI. Dispensa de Visto de Entrada para Portadores de Passaporte e de Título de Viagem da RAEM Macau 2015 Livro do Ano XI. Dispensa de Visto de Entrada para Portadores de Passaporte e de (países ordenados por continente) Ásia Brunei 14 dias --- Camboja 30 dias c) --- Coreia do Sul 90 dias --- Filipinas

Leia mais

Quadro Geral de Regime de Vistos para a Entrada de Estrangeiros no Brasil (Atualizado em 07/02/2013) Legenda

Quadro Geral de Regime de Vistos para a Entrada de Estrangeiros no Brasil (Atualizado em 07/02/2013) Legenda Ministério das Relações Exteriores Subsecretaria-Geral das Comunidades Brasileiras no Exterior Departamento de Imigração e Assuntos Jurídicos Divisão de Imigração Quadro Geral de Regime de Vistos para

Leia mais

Taxas de Visto. Pagamento em Dinheiro e Vale Postal

Taxas de Visto. Pagamento em Dinheiro e Vale Postal Taxas de Visto Pagamento em Dinheiro e Vale Postal A Embaixada NÃO aceita pagamentos com cartão de crédito/débito ou cheques. Se o pagamento for feito ao balcão dos vistos, aquando do pedido, o valor deve

Leia mais

Quadro Geral de Regime de Vistos para a Entrada de Estrangeiros no Brasil (Atualizado em 14/05/2014) Legenda

Quadro Geral de Regime de Vistos para a Entrada de Estrangeiros no Brasil (Atualizado em 14/05/2014) Legenda Ministério das Relações Exteriores Subsecretaria-Geral das Comunidades Brasileiras no Exterior Departamento de Imigração e Assuntos Jurídicos Divisão de Imigração Quadro Geral de Regime de Vistos para

Leia mais

Como não organizar todos os países do mundo?

Como não organizar todos os países do mundo? Como não organizar todos os países do mundo? A FIFA tem federações de 186 países independentes, de 19 regiões não independentes e das 4 regiões do Reino Unido da Grã-Bretanha e Irlanda do Norte (abreviado

Leia mais

Introdução 1 As tabelas a seguir mostram os cartuchos de jato de tinta HP compatíveis com as impressoras HP Photosmart.

Introdução 1 As tabelas a seguir mostram os cartuchos de jato de tinta HP compatíveis com as impressoras HP Photosmart. Introdução 1 As tabelas a seguir mostram os cartuchos de jato de HP compatíveis com as impressoras HP Photosmart. Impressoras série 100 2 Impressora HP Photosmart 130 HP 57 HP Photosmart 100 HP 57 Impressoras

Leia mais

Inscrição de. Peregrinos. Jornada Mundial da Juventude

Inscrição de. Peregrinos. Jornada Mundial da Juventude Inscrição de Peregrinos Jornada Mundial da Juventude Bem-vindos à JMJ Rio2013 Em breve serão abertas as inscrições para a JMJ Rio2013. Organize seu grupo! A pouco menos de um ano para o início da JMJ Rio2013

Leia mais

INSTRUTIVO N.º 01/2015 de 14 de Janeiro

INSTRUTIVO N.º 01/2015 de 14 de Janeiro INSTRUTIVO N.º 01/2015 de 14 de Janeiro ASSUNTO: CLASSIFICAÇÃO DE PAÍSES, BANCOS MULTILATERAIS DE DESENVOLVIMENTO E ORGANIZAÇÕES INTERNACIONAIS Havendo necessidade de se estabelecerem critérios de classificação

Leia mais

DDI VIA EMBRATEL Relação de países e seus respectivos códigos de acesso

DDI VIA EMBRATEL Relação de países e seus respectivos códigos de acesso PAIS CODIGO ACESSO DDI AFEGANISTAO 93 N AFRICA DO SUL 27 S ALASCA 1 S ALBANIA 355 S ALEMANHA 49 S ANDORRA 376 S ANGOLA 244 S ANGUILLA 1 S ANT.HOLANDESAS 599 S ANTIGUA 1 S ARABIA SAUDITA 966 S ARGELIA 213

Leia mais

COMÉRCIO EXTERIOR BRASILEIRO JULHO DE 2013 (DADOS ATÉ JUNHO DE 2013)

COMÉRCIO EXTERIOR BRASILEIRO JULHO DE 2013 (DADOS ATÉ JUNHO DE 2013) Ministério das Relações Exteriores - MRE Departamento de Promoção Comercial e Investimentos - DPR Divisão de Inteligência Comercial - DIC COMÉRCIO EXTERIOR BRASILEIRO JULHO DE 2013 (DADOS ATÉ JUNHO DE

Leia mais

Índice de desenvolvimento humano

Índice de desenvolvimento humano 1Monitorizar o desenvolvimento humano: aumentar as escolhas das pessoas... Índice de desenvolvimento humano a DESENVOLVIMENTO HUMANO ELEVADO Valor do índice de desenvolvimento humano (IDH) Esperança de

Leia mais

ESTUDANTES DE PÓS-GRADUAÇÃO

ESTUDANTES DE PÓS-GRADUAÇÃO ESTUDANTES DE PÓS-GRADUAÇÃO Documento atualizado em 20/12/2013. O Programa de Fomento à Pesquisa 2014 oferece aos estudantes regularmente matriculados nos cursos de pós-graduação da UFRGS (mestrado acadêmico,

Leia mais

COMÉRCIO EXTERIOR BRASILEIRO 2012 (JANEIRO)

COMÉRCIO EXTERIOR BRASILEIRO 2012 (JANEIRO) Ministério das Relações Exteriores - MRE Departamento de Promoção Comercial e Investimentos - DPR Divisão de Inteligência Comercial - DIC COMÉRCIO EXTERIOR BRASILEIRO 2012 (JANEIRO) MRE-DPR JANEIRO/2012

Leia mais

Índice. 1. Registro Contrato DCE... 3. Participante 2

Índice. 1. Registro Contrato DCE... 3. Participante 2 Índice 1. Registro DCE... 3 Participante 2 Registro de de Derivativo Contratado no Exterior Nome do Arquivo Tamanho do Registro 1. Registro DCE Caracteres: 1500 Header Seq Campo Formato Posição Conteúdo

Leia mais

INSTRUÇÃO NORMATIVA Nº 01/ PPGD/2012

INSTRUÇÃO NORMATIVA Nº 01/ PPGD/2012 UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA CATARINA CENTRO DE CIÊNCIAS JURÍDICAS PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM DIREITO INSTRUÇÃO NORMATIVA Nº 01/ PPGD/2012 Disciplina a concessão de Recursos do PROEX/CAPES para a participação

Leia mais

Simples. Conecta + 200. Conecta + 400. Conecta + 800

Simples. Conecta + 200. Conecta + 400. Conecta + 800 REGULAMENTO DA PROMOÇÃO DO PLANO ALTERNATIVO LDI CSP81 Por este instrumento, em que fazem parte de um lado, DATORA TELECOMUNICAÇÕES LTDA, Prestadora do Serviço Telefônico Fixo Comutado STFC, inscrita no

Leia mais

JORGE SUKARIE NETO Campos de Jordão. 19 de Setembro

JORGE SUKARIE NETO Campos de Jordão. 19 de Setembro JORGE SUKARIE NETO Campos de Jordão. 19 de Setembro HORÁRIO ATIVIDADE LOCAL 07h00 Café da Manhã Restaurante Principal 08h45 Abertura Brasoftware Salão Tangará 10h00 Business Suite Salão Nobre 13h00 Almoço

Leia mais

Campus Prof. José Rodrigues Seabra - Av. BPS, 1303 - Bairro Pinheirinho - CEP 37500-903 - Itajubá -MG - Brasil Fone (35) 3629 1771

Campus Prof. José Rodrigues Seabra - Av. BPS, 1303 - Bairro Pinheirinho - CEP 37500-903 - Itajubá -MG - Brasil Fone (35) 3629 1771 RESOLUÇÃO Nº 001/2015 Dispõe sobre os critérios e valores de concessão e pagamento de auxílio financeiro a alunos para participação em eventos, cursos e trabalhos de campo. O Pró-Reitor de Extensão, da

Leia mais

4. Nomeação do mesmo administrador em três ou mais sociedades.

4. Nomeação do mesmo administrador em três ou mais sociedades. LISTA DE INDICADORES DE RISCO DA PRÁTICA DO CRIME DE BRANQUEAMENTO DE CAPITAIS A presente lista de indicadores de risco da prática do crime de branqueamento de capitais não pretende ser exaustiva, e não

Leia mais

Consulta pública - Melhoria dos procedimentos para obtenção de um visto Schengen de curta duração

Consulta pública - Melhoria dos procedimentos para obtenção de um visto Schengen de curta duração Consulta pública - Melhoria dos procedimentos para obtenção de um visto Schengen de curta duração Nos últimos três anos obteve algum visto Schengen de curta duração? A Comissão está a rever os procedimentos

Leia mais

FERRAMENTAS DE COLABORAÇÃO CORPORATIVA

FERRAMENTAS DE COLABORAÇÃO CORPORATIVA FERRAMENTAS DE COLABORAÇÃO CORPORATIVA Manual de Utilização Google Grupos Sumário (Clique sobre a opção desejada para ir direto à página correspondente) Utilização do Google Grupos Introdução... 3 Página

Leia mais

BEI: A MAIOR INSTITUIÇÃO FINANCEIRA INTERNACIONAL

BEI: A MAIOR INSTITUIÇÃO FINANCEIRA INTERNACIONAL FINANCIAMENTOS DO BEI FORA DA EUROPA: PERSPETIVAS PARA AS EMPRESAS PORTUGUESAS Francisco de Paula Coelho Diretor para América Latina e Ásia Lisboa, 23 de Novembro de 2012 27/11/2012 1 BEI: A MAIOR INSTITUIÇÃO

Leia mais

05 PASSES AÉREOS 1 TARIFA DE CIRCUITO. Atualizado em 23/03/12

05 PASSES AÉREOS 1 TARIFA DE CIRCUITO. Atualizado em 23/03/12 05 PASSES AÉREOS 1 TARIFA DE CIRCUITO Atualizado em 23/03/12 CONDIÇÕES GERAIS Válidos em Cabine Econômica Os passes são calculados por cupons, milhas ou valores fixos Comprar o ticket internacional e o

Leia mais

Criar Pesquisas. Guia rápido sobre...

Criar Pesquisas. Guia rápido sobre... Guia rápido sobre... Criar Pesquisas Neste guia... Aprenda a fazer perguntas as vezes que forem necessárias e obter os dados que você necessita para melhorar seus produtos, personalizar campanhas e ficar

Leia mais

A lista que se segue mostra o sistema de definição de televisão standard utilizado na maioria dos Países do Mundo. American Forces Radio.

A lista que se segue mostra o sistema de definição de televisão standard utilizado na maioria dos Países do Mundo. American Forces Radio. SISTEMAS DE TV MUNDIAIS Países diferentes usam sistemas de TV diferentes. A diferença entre estes sistemas reside em parte na forma como a informação do sinal de cor é modulada com a informação de luminosidade

Leia mais

PÚBLICO ALVO: Promotores de viagens; agentes de viagens; consultores de viagens; operadores de emissivo e receptivo; atendentes.

PÚBLICO ALVO: Promotores de viagens; agentes de viagens; consultores de viagens; operadores de emissivo e receptivo; atendentes. 3. Geografia Turística 3.1 Geografia Turística: Brasil de Ponta a Ponta Proporcionar ao participante melhor compreensão geográfica do país; Apresentar as principais especificidades existentes nos continentes

Leia mais

Desses países, Portugal, Angola e Filipinas estabeleceram consulados-gerais na RAEM.

Desses países, Portugal, Angola e Filipinas estabeleceram consulados-gerais na RAEM. Relações Externas Como entidade não soberana, a Região Administrativa Especial de Macau (RAEM) mantém contactos e relações estreitas com os países e regiões de todo o mundo. Desde sempre mantém relações

Leia mais

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE DA INTEGRAÇÃO INTERNACIONAL DA LUSOFONIA AFRO-BRASILEIRA (UNILAB)

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE DA INTEGRAÇÃO INTERNACIONAL DA LUSOFONIA AFRO-BRASILEIRA (UNILAB) RESOLUÇÃO N 13/2013, DE 06 DE AGOSTO DE 2013. Dispõe sobre a criação do Programa de Apoio à participação de discentes de graduação e pós-graduação em Eventos Cientificos, Tecnológicos, Esportivos, Culturais

Leia mais

Índice. 1. Registro de Cliente Não Residente...3 2. Registro Contrato DVE...7. Participante 2

Índice. 1. Registro de Cliente Não Residente...3 2. Registro Contrato DVE...7. Participante 2 Índice 1. Registro de Cliente Não Residente...3 2. Registro Contrato DVE...7 Participante 2 Títulos do Agronegócio Nome do Arquivo Tamanho do Registro 1. Registro de Cliente Não Residente Caracteres: 453

Leia mais

VISTOS E VACINAS África, Ásia, Oriente Médio. Tabela 06-2014

VISTOS E VACINAS África, Ásia, Oriente Médio. Tabela 06-2014 VISTOS E VACINAS África, Ásia, Oriente Médio Tabela 06-2014 Países África do Sul Camboja China Emirados Árabes Egito Hong Kong Índia Indonésia Japão Laos Maldivas Marrocos Myanmar Nepal Qatar Singapura

Leia mais

Autodesk Learning Central

Autodesk Learning Central Perguntas frequentes Autodesk Learning Central Autodesk, Inc. Perguntas frequentes Rev 2.0 Sumário Login do parceiro... 2 Como o SSO afetará os Parceiros da Autodesk?... 2 Como os parceiros podem saber

Leia mais

Registro de Contrato de Derivativo Contratado no Exterior... 3 1. Registro Contrato DCE... 3 2. Alteração de Contrato DCE...11

Registro de Contrato de Derivativo Contratado no Exterior... 3 1. Registro Contrato DCE... 3 2. Alteração de Contrato DCE...11 Versão: 21/11/2011 Conteúdo Registro de Contrato de Derivativo Contratado no Exterior... 3 1. Registro Contrato DCE... 3 2. Alteração de Contrato DCE...11 Participante 2 Registro de Contrato de Derivativo

Leia mais

Conheça o programa de troca do Storwize do KYI

Conheça o programa de troca do Storwize do KYI Conheça o programa de troca do Storwize do KYI Sumário A oferta Produtos qualificados Datas de início e/ou de término Onde está disponível? Informações de marketing Informações sobre pedidos/atendimento

Leia mais

DIRETORIA DE PROGRAMAS COORDENAÇÃO-GERAL DE PROGRAMAS ESTRATÉGICOS CGPE EDITAL CAPES/MEC E SECEX/MDIC Nº 19/2009 PRÓ-COMEX

DIRETORIA DE PROGRAMAS COORDENAÇÃO-GERAL DE PROGRAMAS ESTRATÉGICOS CGPE EDITAL CAPES/MEC E SECEX/MDIC Nº 19/2009 PRÓ-COMEX Instruções para Apresentação de Projetos do Programa de Apoio ao Ensino e à Pesquisa em Desenvolvimento e Promoção do Comércio Exterior PRÓ-COMEX C A P E S DIRETORIA DE PROGRAMAS COORDENAÇÃO-GERAL DE PROGRAMAS

Leia mais

CONTRATO DO PROGRAMA MICROSOFT CERTIFIED TRAINER

CONTRATO DO PROGRAMA MICROSOFT CERTIFIED TRAINER CONTRATO DO PROGRAMA MICROSOFT CERTIFIED TRAINER Este Contrato do Programa Microsoft Certified Trainer ( Contrato de MCT ) ( MCT ) é um documento legal entre a Microsoft e Você, referente à sua participação

Leia mais

Tabelas estatísticas

Tabelas estatísticas Tabelas estatísticas Estatísticas sociais e econômicas de países e territórios do mundo, com referência particular ao bem-estar da criança. Panorama..........................................82 Nota geral

Leia mais

Instruções de Preenchimento Complementares do DLO 2061 Adicional de Capital Principal Março/2016

Instruções de Preenchimento Complementares do DLO 2061 Adicional de Capital Principal Março/2016 Instruções de Preenchimento Complementares do DLO 2061 Adicional de Capital Principal Março/2016 SUMÁRIO I Objetivo 02 II Orientações Gerais 02 III Orientações Gerais Sobre o Arquivo XML 02 IV Orientações

Leia mais

A Governança da Internet no Brasil e os padrões para Web

A Governança da Internet no Brasil e os padrões para Web A Governança da Internet no Brasil e os padrões para Web ALGUNS EVENTOS E DADOS IMPORTANTES DA INTERNET NO BRASIL E NO MUNDO NO BRASIL Primeira conexão à redes (Bitnet) => Outubro 88 Domínio.br foi registrado

Leia mais

Tela Inicial: O Banco de Dados e seus objetos:

Tela Inicial: O Banco de Dados e seus objetos: Access 1 Tela Inicial: 2 ÁREA DE TRABALHO. Nosso primeiro passo consiste em criar o arquivo do Access (Banco de Dados), para isto utilizaremos o painel de tarefas clicando na opção Banco de Dados em Branco.

Leia mais

Manual de utilização do sistema Diagnose. Marcus Vinícius Benedito. 10 de maio de 2007

Manual de utilização do sistema Diagnose. Marcus Vinícius Benedito. 10 de maio de 2007 Manual de utilização do sistema Diagnose Marcus Vinícius Benedito 10 de maio de 2007 Prof. Dr. Jacques Wainer Instituto de Computação - Universidade Estadual de Campinas 1 Sumário 1 Requisitos do sistema

Leia mais

Jornal Oficial das Comunidades Europeias. (Actos cuja publicação é uma condição da sua aplicabilidade)

Jornal Oficial das Comunidades Europeias. (Actos cuja publicação é uma condição da sua aplicabilidade) L 81/1 I (Actos cuja publicação é uma condição da sua aplicabilidade) REGULAMENTO (CE) N. o 539/2001 DO CONSELHO de 15 de Março de 2001 que fixa a lista dos países terceiros cujos nacionais estão sujeitos

Leia mais

SISTEMA DE SEGURANÇA DIGITAL - SSD MANUAL DE OPERAÇÃO

SISTEMA DE SEGURANÇA DIGITAL - SSD MANUAL DE OPERAÇÃO SISTEMA DE SEGURANÇA DIGITAL - SSD MANUAL DE OPERAÇÃO Secretaria de Educação Profissional e Tecnológica - SETEC Página 1 APRESENTAÇÃO O Sistema de Segurança Digital é um sistema de cadastro único que objetiva

Leia mais

O COMÉRCIO EXTERIOR BRASILEIRO COM PAÍSES EM DESENVOLVIMENTO

O COMÉRCIO EXTERIOR BRASILEIRO COM PAÍSES EM DESENVOLVIMENTO Instituto de Estudos para o Desenvolvimento Industrial O COMÉRCIO EXTERIOR BRASILEIRO COM PAÍSES EM DESENVOLVIMENTO Fevereiro/2004 Introdução...4 1. As Exportações Para Países em Desenvolvimento no Período

Leia mais

Modo Estrutura é o ambiente de definição e estruturação dos campos, tipos de dados, descrição e propriedades do campo.

Modo Estrutura é o ambiente de definição e estruturação dos campos, tipos de dados, descrição e propriedades do campo. Unidade 02 A- Iniciando o Trabalho com o ACCESS: Criar e Salvar um Banco de Dados Acessar o ACCESS Criar e Salvar o Banco de Dados Locadora Encerrar o Banco de Dados e o Access Criando um Banco de Dados

Leia mais

www. Lifeworld.com.br

www. Lifeworld.com.br 1 SISTEMA MONETARIO MUNDIAL MOEDAS A SEREM EMITIDAS EM CADA PAÍS ARTIGO 42º Capítulo -1º QUANTIDADE DE NOVAS MOEDAS VALOR POR PAÍS 42-1- 1º - A partir da data da promulgação da Constituição Mundial pela

Leia mais

Guia de administração. BlackBerry Professional Software para Microsoft Exchange. Versão: 4.1 Service pack: 4B

Guia de administração. BlackBerry Professional Software para Microsoft Exchange. Versão: 4.1 Service pack: 4B BlackBerry Professional Software para Microsoft Exchange Versão: 4.1 Service pack: 4B SWD-313211-0911044452-012 Conteúdo 1 Gerenciando contas de usuários... 7 Adicionar uma conta de usuário... 7 Adicionar

Leia mais

Notas: Este tarifário é taxado de 30 em 30 segundos após o primeiro minuto. Após os 1500 SMS's tmn-tmn grátis ou após os 250 SMS s para outras redes,

Notas: Este tarifário é taxado de 30 em 30 segundos após o primeiro minuto. Após os 1500 SMS's tmn-tmn grátis ou após os 250 SMS s para outras redes, Notas: Este tarifário é taxado de 30 em 30 segundos após o primeiro minuto. Após os 1500 SMS's tmn-tmn grátis ou após os 250 SMS s para outras redes, passa a pagar 0,080. Notas: Este tarifário é taxado

Leia mais

Como Registrar uma Oportunidade

Como Registrar uma Oportunidade Como Registrar uma Oportunidade Abaixo você encontrará um tutorial de como registrar uma oportunidade no novo PartnerNet. Caso você precise registrar mais de um produto, será necessário executar este procedimento

Leia mais

Campus Prof. José Rodrigues Seabra - Av. BPS, 1303 - Bairro Pinheirinho - CEP 37500-903 - Itajubá -MG - Brasil Fone (35) 3629 1771

Campus Prof. José Rodrigues Seabra - Av. BPS, 1303 - Bairro Pinheirinho - CEP 37500-903 - Itajubá -MG - Brasil Fone (35) 3629 1771 EDITAL N 01/2015/Unifei/Proex, de 14 de janeiro de 2015. CHAMADA PÚBLICA PARA CONCESSÃO DE AUXÍLIO-EXTENSÃO PARA PARTICIPAÇÃO EM ATIVIDADES QUE ENVOLVEM COMPETIÇÕES TECNOLÓGICAS, EVENTOS ESPORTIVOS E CULTURAIS.

Leia mais

MANUAL PROGRAMA DE ESTÁGIO IAESTE 2009/2010

MANUAL PROGRAMA DE ESTÁGIO IAESTE 2009/2010 MANUAL PROGRAMA DE ESTÁGIO IAESTE 2009/2010 Caro Participante, Seja bem-vindo ao Programa de intercâmbio de estágio oferecido mundialmente pela IAESTE! Leia atentamente este manual. Ele contém todas as

Leia mais

Documento com Perguntas Frequentes sobre a Iniciativa de Acesso Global

Documento com Perguntas Frequentes sobre a Iniciativa de Acesso Global Documento com Perguntas Frequentes sobre a Iniciativa de Acesso Global A Roche lançou o Programa de Acesso Global a testagem de carga viral para o HIV O Programa expande o acesso aos cuidados através de

Leia mais

iconnect 3.3 Atualizações Pesquisa Dinâmica

iconnect 3.3 Atualizações Pesquisa Dinâmica iconnect 3.3 Atualizações Pesquisa Dinâmica Conteúdo iconnect 3.3 Atualizações Pesquisa Dinâmica... 3 1. Feedback do Cliente...3 1.1 Feedback do Cliente no Email da Pesquisa Dinâmica... 3 1.2 Página de

Leia mais

Solução de gerenciamento de sistemas Dell KACE K1000 Versão 5.4. Guia de gerenciamento de ativos

Solução de gerenciamento de sistemas Dell KACE K1000 Versão 5.4. Guia de gerenciamento de ativos Solução de gerenciamento de sistemas Dell KACE K1000 Versão 5.4 Guia de gerenciamento de ativos Outubro de 2012 2004-2012 Dell, Inc. Todos os direitos reservados. Qualquer forma de reprodução deste material

Leia mais

MANUAL DE UTILIZAÇÃO DO SISTEMA DE AVALIAÇÃO DE DESEMPENHO FUNCIONAL. Versão 1.3

MANUAL DE UTILIZAÇÃO DO SISTEMA DE AVALIAÇÃO DE DESEMPENHO FUNCIONAL. Versão 1.3 MANUAL DE UTILIZAÇÃO DO SISTEMA DE AVALIAÇÃO DE DESEMPENHO FUNCIONAL Versão 1.3 Sumário 1. ACESSO AO SISTEMA... 3 1.1. Primeiro acesso ao sistema... 3 1.2. Como alterar a senha no primeiro acesso... 4

Leia mais

PROPOSIÇÃO DE SUBSTITUIÇÃO DO MEIO DE PAGAMENTO BÁSICO UTILIZADO NOS TELEFONES DE USO PÚBLICO (TUP) DO STFC

PROPOSIÇÃO DE SUBSTITUIÇÃO DO MEIO DE PAGAMENTO BÁSICO UTILIZADO NOS TELEFONES DE USO PÚBLICO (TUP) DO STFC PROPOSIÇÃO DE SUBSTITUIÇÃO DO MEIO DE PAGAMENTO BÁSICO UTILIZADO NOS TELEFONES DE USO PÚBLICO (TUP) DO STFC A. Empresa: TELEFÔNICA BRASIL S.A. B. Descrição: O Regulamento do Telefone de Uso Público do

Leia mais

TUTORIAL AJUSTAR ESTOQUE POR ENDEREÇO

TUTORIAL AJUSTAR ESTOQUE POR ENDEREÇO Sumário Apresentação... 1 1. Procedimentos Iniciais... 2 2. Ajustar Estoque por Endereço... 10... 20 Apresentação Este tutorial tem o objetivo de orientar o processo de ajuste do estoque por produto para

Leia mais

Como fazer busca de imagem no Google?

Como fazer busca de imagem no Google? Como fazer busca de imagem no Google? Passo 1: Acesse o endereço do Google e depois clique na opção Imagens, que fica na barra superior da página Passo 2. Digite a palavra que procura. Observe que o Google

Leia mais

PRACTICO LIVE! - CONSULTAS DINÂMICAS POSIÇÃO DE ESTOQUE

PRACTICO LIVE! - CONSULTAS DINÂMICAS POSIÇÃO DE ESTOQUE PRACTICO LIVE! - CONSULTAS DINÂMICAS POSIÇÃO DE ESTOQUE Através de filtros para pesquisa de informações, a Rotina de Consultas Dinâmicas disponibiliza uma série de relatórios de rápida execução que permitem

Leia mais

1.a. Atividades principais concepção, produção, desenvolvimento e distribuição de bens duráveis e produtos profissionais. São três as suas divisões:

1.a. Atividades principais concepção, produção, desenvolvimento e distribuição de bens duráveis e produtos profissionais. São três as suas divisões: Electrolux AB 1. Principais Características Matriz: Electrolux AB Localização: Estocolmo, Suécia Ano de fundação: 1901 Internet: www.electrolux.com Faturamento (2000): US$ 11.537 mi Empregados (2000):

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DE GOIÁS CERCOMP (CENTRO DE RECURSOS COMPUTACIONAIS) TUTORIAL DE USO DO WEBMAIL - UFG

UNIVERSIDADE FEDERAL DE GOIÁS CERCOMP (CENTRO DE RECURSOS COMPUTACIONAIS) TUTORIAL DE USO DO WEBMAIL - UFG UNIVERSIDADE FEDERAL DE GOIÁS CERCOMP (CENTRO DE RECURSOS COMPUTACIONAIS) TUTORIAL DE USO DO WEBMAIL - UFG Página 1 de 26 Sumário Introdução...3 Layout do Webmail...4 Zimbra: Nível Intermediário...5 Fazer

Leia mais

SEMINÁRIO INSTITUTO FERNANDO HENRIQUE CARDOSO (ifhc)

SEMINÁRIO INSTITUTO FERNANDO HENRIQUE CARDOSO (ifhc) SEMINÁRIO INSTITUTO FERNANDO HENRIQUE CARDOSO (ifhc) O novo mundo rural e o desenvolvimento do Brasil Marcos Sawaya Jank Diretor Executivo Global de Assuntos Corporativos São Paulo, 12 de novembro de 2014

Leia mais

PERFIL DO AGRONEGÓCIO MUNDIAL SUBSECRETARIA DO AGRONEGÓCIO

PERFIL DO AGRONEGÓCIO MUNDIAL SUBSECRETARIA DO AGRONEGÓCIO PERFIL DO AGRONEGÓCIO MUNDIAL SUBSECRETARIA DO AGRONEGÓCIO Março/2013 2 ÍNDICE 03. Apresentação 04. População Mundial 05. População ocupada 06. PIB Mundial 07. PIB per capita Mundial 08. Exportação Mundial

Leia mais

ESTUDO SOBRE POSSÍVEL MUDANÇA NA GEOGRAFIA ARROZ

ESTUDO SOBRE POSSÍVEL MUDANÇA NA GEOGRAFIA ARROZ ESTUDO SOBRE POSSÍVEL MUDANÇA NA GEOGRAFIA INTERNACIONAL DO ARROZ PANORAMA DO MERCADO MUNDIAL DE ARROZ PRINCIPAIS PRODUTORES (em milhões de toneladas) Região 2008 2009 2010 2011 2012 2013 2014* Var % (14*/13)

Leia mais

Manual de Instalação SystemFarma AutoCred

Manual de Instalação SystemFarma AutoCred Manual de Instalação SystemFarma AutoCred Requisitos do Sistema Para iniciar a instalação é necessário antes verificar os seguintes requisitos do sistema: Windows 98 ou superior com no mínimo 32 MB de

Leia mais

1) Como acessar a aplicação

1) Como acessar a aplicação Guia de Uso V1.0.0 1) Como acessar a aplicação 2 1 2 3 3 4 Ao clicar em Banco de Necessidades, será aberta uma nova guia do navegador com o formulário mostrado abaixo, o qual possui dois botões : Consulta

Leia mais

ATLAS - Manual para Acesso Externo Fornecedor

ATLAS - Manual para Acesso Externo Fornecedor ATLAS - Manual para Acesso Externo Buscar e Criar Fornecedor Objetivo Utilizar os seguintes procedimentos para encontrar e criar um fornecedor no Sistema ATLAS. Pré-requisitos Ter o perfil de Usuário Operacional

Leia mais

Índice. Business Intelligence Pentaho

Índice. Business Intelligence Pentaho Manual de Sistema Índice Introdução:... 3 Conceito:... 3 1 - Acessando o Sistema... 4 1.1 - Tela inicial... 5 2 - Analisando um Cubo... 6 2.1 Acessando o Cubo... 6 2.2 - Montando Uma Visão... 7 3 - Navegando

Leia mais

GUIA DE INÍCIO RÁPIDO http://pivot.cos.com

GUIA DE INÍCIO RÁPIDO http://pivot.cos.com GUIA DE INÍCIO RÁPIDO http://pivot.cos.com CRIAÇÃO DE SUA CONTA Se não possuir uma conta do Pivot, vá para http://pivot.cos.com e clique no link Sign up (Inscreverse) no canto superior direito da tela.

Leia mais

Expectativas para 2015

Expectativas para 2015 Crise Economia Pessimismo Política Otimismo Segurança Saúde Prosperidade Expectativas para 2015 OBJETIVO Medir a expectativa da população mundial para o ano seguinte, por meio de índices de esperança e

Leia mais

Programa de Modernização de Tecnologia

Programa de Modernização de Tecnologia GE Intelligent Platforms Programa de Modernização de Tecnologia Marco Mallagoli Engenheiro de Produto 55 11 94989 0228 marco.mallagoli@ge.com Conteúdo 1 1 Presença Global e Regional 2 Ciclo de Vida dos

Leia mais

Pesquisa Global Nielsen sobre a Confiança do Consumidor Maio de 2009

Pesquisa Global Nielsen sobre a Confiança do Consumidor Maio de 2009 Pesquisa Global Nielsen sobre a Confiança do Consumidor Maio de 2009 Observações metodológicas Página 2 Enfoque da pesquisa Mensurar o sentimento e a confiança do consumidor no futuro da economia Padrões

Leia mais

COMO SOLICITAR O CADASTRO DE UM ITEM SSA Central de Cadastro

COMO SOLICITAR O CADASTRO DE UM ITEM SSA Central de Cadastro COMO SOLICITAR O CADASTRO DE UM ITEM SSA Central de Cadastro Índice 1. Fluxo de Solicitação 2. Acesso ao Aplicativo 3. Alteração de Senha 4. Opções do Menu 5. Pesquisar um item já existente 6. Como criar

Leia mais

Habilitando o Botão de Compartilhamento do Facebook no Ambiente Colaborativo Jan-2014

Habilitando o Botão de Compartilhamento do Facebook no Ambiente Colaborativo Jan-2014 Habilitando o Botão de Compartilhamento do Facebook no Ambiente Colaborativo Jan-2014 Apresentação Ao publicar conteúdos no Portal através de alguns aplicativos como informes, álbuns, cursos e vídeos,

Leia mais

Status Enterprise Guia do Usuário. Parte 12 Serviço de conector de Dados

Status Enterprise Guia do Usuário. Parte 12 Serviço de conector de Dados Guia do Usuário Parte 12 Serviço de conector de Dados Conteúdos 1 INTRODUÇÃO... 4 1.1 Descrição do Serviço conector de Dados ou Data com nector... 4 2 CRIAR UMA CONFIGURAÇÃO DE ENLACE DE DADOS... 5 2.1

Leia mais

Prof. Franco Augusto

Prof. Franco Augusto Prof. Franco Augusto - Oceano Atlântico - Oceano Pacífico - Oceano Índico - Oceano Glacial Ártico - Oceano Glacial Antártico A quantidade de sais minerais presente em cada porção da água, seja de rio,

Leia mais

Gerenciamento de Contatos

Gerenciamento de Contatos Gerenciamento de Contatos O objetivo deste módulo é ajudar a gerenciar todos os contatos da empresa. Além dos dados mais importantes, o módulo permite cadastrar anotações e relacionar as tarefas e eventos

Leia mais

Como pesquisar no Google por blogs, fórum, receitas, locais e patentes

Como pesquisar no Google por blogs, fórum, receitas, locais e patentes MAPA DO PORTAL (HT T P: //WWW. PORT AL DAINDUST RIA. COM. B R/CNI/MAPADOSIT E /) SITES DO SISTEMA INDÚSTRIA (HT T P: //WWW. PORT AL DAINDUST RIA. COM. B R/CANAIS/) CONT AT O (HT T P: //WWW. PORT AL DAINDUST

Leia mais

Preçário dos Cartões Telefónicos PT

Preçário dos Cartões Telefónicos PT Preçário dos Cartões Telefónicos PT Cartão Telefónico PT 5 e (Continente)... 2 Cartão Telefónico PT 5 e (Região Autónoma dos Açores)... 6 Cartão Telefónico PT 5 e (Região Autónoma da Madeira)... 10 Cartão

Leia mais

MANUAL DO PROGRAMA CSPSNet

MANUAL DO PROGRAMA CSPSNet MANUAL DO PROGRAMA CSPSNet Qualquer dúvida entre em contato: (33)32795093 01 USUÁRIO/CSPSNet O sistema CSPSNet está configurado para funcionar corretamente nos seguintes browsers: Internet Explorer 8.0,

Leia mais

hp hardware support On-Site - GLOBAL

hp hardware support On-Site - GLOBAL hp hardware support On-Site - descrição geral do O de resposta global no dia útil seguinte da HP proporciona aos utilizadores de computadores portáteis uma solução de suporte de hardware para Produtos

Leia mais