PSP Personal Software Process. MO409 Engenharia de Software I Bruno Abreu - RA Henrique Souza - RA

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "PSP Personal Software Process. MO409 Engenharia de Software I Bruno Abreu - RA 030020 Henrique Souza - RA 008876"

Transcrição

1 PSP Personal Software Process MO409 Engenharia de Software I Bruno Abreu - RA Henrique Souza - RA Setembro/2004

2 Introdução O PSP Origem 1989 Watts Humphrey Foco e objetivos Motivações

3 Introdução Dificuldades Não é muito utilizado Existem muitos mitos Processo radical Literatura complexa PSP e CMM

4 Introdução Resultados práticos [SEI] Ferramentas para aplicação do PSP

5 Níveis Características básicas Análogos aos níveis de maturidade CMM Adoção contínua e gradual Auto-análise crítica 7 níveis PSP0 - Estatísticas (Tempo, defeitos) PSP1 - Planejamento PSP2 - Código e Revisão de projeto PSP3 - Desenvolvimento previsível TSP - Processo para equipes

6 O processo Entradas Planejamento Dados de planejamento Projeto Scripts Guia Codificação Logs Dados reais Compilação Testes Postmortem Tempo Defeitos Resumo do Plano de Projeto Produto final Relatórios do projeto e processo Adaptado de [Humphrey00]

7 Os scripts Scripts Entradas PSP0 Process Script Phase Purpose To guide you in developing module-level programs Number Planejamento Inputs Problem description Required Projeto PSP0 Project Plan Summary form Time and Defect Recording Logs Revisão de Defect projeto Type Standard Stop Watch (optional) 1 Planning Guia Código Produce or obtain a requirements statement. Estimate the required Line Of Code Logs Revisão de Estimate código the required development time. Enter the plan data in the Project Plan Summary Compilação Complete the Time Recording Log Date Start Stop Interruption Delta 2 Development Design the program. Time Time Testes Implement the design. Tempo Compile the program and fix and log all defects found. Postmortem Complete the Time Recording Log. Defeitos 3 Postmortem Complete the Project Plan Summary with actual time, defect, and size data. Exit Criteria A thoroughly tested program. Completed Project Plan Summary with estimated and actual data. Saídas Student Date Instructor Program # Completed Defect and Time Recording Logs Phase Comments Resultados Planejamento Relatórios do projeto e processo [Humphrey97]

8 Entradas Scripts Guia Entradas Dados de planejamento Planejamento 1. Descrição do problema 2. Formulário de Resumo do Plano de Projeto 3. Logs de Registro de Tempo e Defeitos Logs Codificação 4. Padronização dos tipos de Defeitos Dados reais 5. Cronômetro (opcional) Compilação Testes Postmortem Tempo Defeitos Resumo do Plano de Projeto Produto final Relatórios do projeto e processo Adaptado de [Humphrey00]

9 Fases Entradas Planejamento Dados de planejamento Scripts Guia 1. Projeto Produzir ou obter os requisitos do programa, assegurando-se de que eles Logs Codificação estão claros, sem ambigüidade Dados e reais resolvendo qualquer questão pendente Compilação 2. Estimar o tempo necessário de Testes desenvolvimento, Tempo fazendo a sua melhor estimativa Resumo do Plano Postmortem Defeitos de Projeto 3. Informar os dados de planejamento no Formulário de Resumo do Plano de Produto Projeto final Relatórios do projeto e 4. Preencher os logs de Registro de processo Tempo Adaptado de [Humphrey00]

10 Fases Entradas Planejamento Dados de planejamento Projeto Scripts Guia Logs 1. Codificação Revisão dos requisitos Dados reais 2. Produção de um projeto para atendê-los Compilação 3. Registrar os tempos nos logs de Registro de Testes Tempo Tempo Resumo do Plano Postmortem Defeitos de Projeto Produto final Relatórios do projeto e processo Adaptado de [Humphrey00]

11 Fases Entradas Planejamento Dados de planejamento Projeto Scripts Guia Codificação Logs Dados reais Compilação 1. Implementar o projeto Testes Tempo 2. Registrar nos logs de Registro de Defeitos qualquer defeito originado Postmortem pelos requisitos Defeitos de projeto 3. Registrar os tempos nos logs de Registro de Tempo Produto final Resumo do Plano de Projeto Relatórios do projeto e processo Adaptado de [Humphrey00]

12 Fases Entradas Scripts Dados de planejamento 1. Compilar o Planejamento programa até não existir mais erros e, depois, testá-lo até todos os testes executarem sem erros Consertar Projeto todos os defeitos encontrados Registrar os defeitos nos logs de Registro de Defeitos Guia Logs Codificação Dados reais Registrar os tempos nos logs de Registro de Tempo Compilação Testes Postmortem Tempo Defeitos Resumo do Plano de Projeto Produto final Relatórios do projeto e processo Adaptado de [Humphrey00]

13 Fases Entradas Dados de planejamento 1. Defeitos inseridos Planejamento e removidos Levantamento da quantidade de defeitos através dos logs Registrar os Projeto resultados no Resumo de Plano de Projeto 2. Tempo Guia Logs Scripts Codificação Dados reais Revisar o preenchimento dos logs de Registro de Tempo Informar o Compilação tempo total gasto em casa fase no Resumo de Plano de Projeto Testes Tempo Resumo do Plano Postmortem Defeitos de Projeto Produto final Relatórios do projeto e processo Adaptado de [Humphrey00]

14 Fases Scripts Guia Entradas Planejamento 1. Programa devidamente Projeto testado 2. Formulário de Resumo do Logs Plano Codificação de Projeto com dados estimados e atuais Compilação 3. Logs de Registro de Defeitos e Tempo Testes preenchidos Tempo Postmortem Defeitos Dados de planejamento Dados reais Resumo do Plano de Projeto Produto final Relatórios do projeto e processo Adaptado de [Humphrey00]

15 Gerência de Qualidade Prevenção de defeitos Estatísticas Método eficiente de projeto Projeto bem feito reduz erros de código Remoção de defeitos o quanto antes Gerenciamento e monitoração correta de defeitos Responsabilidade do desenvolvedor

16 Gerência de Projeto Diretrizes básicas Tipos de métrica Tempo Tamanho Qualidade

17 Conclusões Foco diferente Conciso Planejamento de projeto e qualidade Baixo custo Adaptabilidade Dificuldades

18 Referências [DashBoard] Software Process Dashboard Project. Último acesso em 11/09/2004. [PSP] Personal Software Process. Último acesso em 11/09/2004. [PSPHome] Personal Software Process Home Page. Último acesso em 11/09/2004. [SEI] Software Engineering Institute. Último acesso em 11/09/2004. [Hirmanpour00] HIRMANPOUR, I., KHAJENOORI, S., Personal Software Process: An Awareness Workshop. Embry-Riddle Aeronautical University, Disponível em Último acesso em 11/09/2004.

19 Referências [Humphrey97] HUMPHREY, W. S., Introduction to the Personal Software Process. Reading MA: Addison-Wesley, [Humphrey00] HUMPHREY, Watts S., The Personal Software Process sm (PSP sm ). TECHNICAL REPORT, CMU/SEI-2000-TR- 022, Novembro, [Sheila99] REINEHR, S. S., PSP: Uma Visão Geral. Disponível em Último acesso em 11/09/2004. [David] RICO, D. F., Personal Software Process sm (PSP sm ) Technical Overview. Disponível em Último acesso em 11/09/2004.

20 Perguntas?

Capítulo 6: PSP. Capítulo 6: PSP Personal Software Process

Capítulo 6: PSP. Capítulo 6: PSP Personal Software Process Capítulo 6: PSP Personal Software Process Capítulo 1: Introdução Capítulo 2: Conceitos Básicos Capítulo 3: Qualidade de Produto (ISO9126) Capítulo 4: ISO9001 e ISO9000-3 Capítulo 5: CMM Capítulo 6: PSP

Leia mais

Qualidade de Software no Processo de Desenvolvimento de Software: Revisões + Teste

Qualidade de Software no Processo de Desenvolvimento de Software: Revisões + Teste Qualidade de Software no Processo de Desenvolvimento de Software: Revisões + Teste Juliana Herbert juliana@herbertconsulting.com Herbert Consulting IITesting Day 28/04/2009 2 1 Respostas freqüentes entes

Leia mais

PERSONAL SOFTWARE PROCESS: UMA VISÃO GERAL SOBRE O PROCESSO E O SEU IMPACTO NA INDÚSTRIA DE SOFTWARE

PERSONAL SOFTWARE PROCESS: UMA VISÃO GERAL SOBRE O PROCESSO E O SEU IMPACTO NA INDÚSTRIA DE SOFTWARE PERSONAL SOFTWARE PROCESS: UMA VISÃO GERAL SOBRE O PROCESSO E O SEU IMPACTO NA INDÚSTRIA DE SOFTWARE PERSONAL SOFTWARE PROCESS: AN OVERVIEW OF THE PROCESS AND ITS IMPACT ON SOFTWARE INDUSTRY Antonio Marcos

Leia mais

APLICAÇÃO DO MODELO PSP - PERSONAL SOFTWARE PROCESS EM UM PROTÓTIPO DE SISTEMA DE GERENCIAMENTO DO SETOR DE ENGENHARIA DE SEGURANÇA DO TRABALHO

APLICAÇÃO DO MODELO PSP - PERSONAL SOFTWARE PROCESS EM UM PROTÓTIPO DE SISTEMA DE GERENCIAMENTO DO SETOR DE ENGENHARIA DE SEGURANÇA DO TRABALHO APLICAÇÃO DO MODELO PSP - PERSONAL SOFTWARE PROCESS EM UM PROTÓTIPO DE SISTEMA DE GERENCIAMENTO DO SETOR DE ENGENHARIA DE SEGURANÇA DO TRABALHO ACADÊMICA: JULIANA CARVALHO BUBLITZ ORIENTADOR: MARCEL HUGO

Leia mais

Relatório de Projecto

Relatório de Projecto Relatório de Projecto Personal Software Process e Team Software Process Autoria: João Paulo Santos Nunes Ferreira Aluno nº 890082 ISEP Setembro de 2002 Página 2 de 49 Prefácio Serve o presente relatório

Leia mais

GESTÃO DA QUALIDADE DE SOFTWARE

GESTÃO DA QUALIDADE DE SOFTWARE GESTÃO DA QUALIDADE DE SOFTWARE Fernando L. F. Almeida falmeida@ispgaya.pt Principais Modelos Capability Maturity Model Integration (CMMI) Team Software Process and Personal Software Process (TSP/PSP)

Leia mais

PEDRO HENRIQUE DE OLIVEIRA E SILVA MESTRE EM MODELAGEM MATEMÁTICA E COMPUTACIONAL E-MAIL: PEDROHOLI@GMAIL.COM CMM E CMMI

PEDRO HENRIQUE DE OLIVEIRA E SILVA MESTRE EM MODELAGEM MATEMÁTICA E COMPUTACIONAL E-MAIL: PEDROHOLI@GMAIL.COM CMM E CMMI PEDRO HENRIQUE DE OLIVEIRA E SILVA MESTRE EM MODELAGEM MATEMÁTICA E COMPUTACIONAL E-MAIL: PEDROHOLI@GMAIL.COM CMM E CMMI INTRODUÇÃO Aumento da Importância do Software Software está em tudo: Elemento crítico

Leia mais

Capítulo 5: CMM, o Capability Maturity Model

Capítulo 5: CMM, o Capability Maturity Model Capítulo 5: CMM, o Capability Maturity Model Capítulo 1: Introdução Capítulo 2: Conceitos Básicos Capítulo 3: Qualidade de Produto (ISO9126) Capítulo 4: ISO9001 e ISO9000-3 Capítulo 5: CMM Capítulo 6:

Leia mais

Sumário. Prefácio...14. Capítulo 1 O que é qualidade?...17. Capítulo 2 Normas e organismos normativos...43. Capítulo 3 Métricas: visão geral...

Sumário. Prefácio...14. Capítulo 1 O que é qualidade?...17. Capítulo 2 Normas e organismos normativos...43. Capítulo 3 Métricas: visão geral... Prefácio...14 Capítulo 1 O que é qualidade?...17 1.1 História... 17 1.2 Uma crise de mais de trinta anos...20 1.3 Qualidade e requisitos...25 1.4 Papel da subjetividade...27 1.5 Qualidade e bugs I: insetos

Leia mais

Implantando um Programa de Melhoria de Processo: Uma Experiência Prática

Implantando um Programa de Melhoria de Processo: Uma Experiência Prática Implantando um Programa de Melhoria de Processo: Uma Experiência Prática Evandro Polese Alves Ricardo de Almeida Falbo Departamento de Informática - UFES Av. Fernando Ferrari, s/n, Vitória - ES - Brasil

Leia mais

Profa. Dra. Ana Paula Gonçalves Serra prof.anapaula@saojudas.br

Profa. Dra. Ana Paula Gonçalves Serra prof.anapaula@saojudas.br Modelos de Processo Pessoal e de Equipe na Melhoria da Qualidade em Produção de Software Profa. Dra. Ana Paula Gonçalves Serra prof.anapaula@saojudas.br Agenda Importância das Pessoas / Constatações Compromisso

Leia mais

TUTORIAL DE USO DO GOOGLE CODE. PARTE 1 ISSUE TRACKING Versão 1.0 1

TUTORIAL DE USO DO GOOGLE CODE. PARTE 1 ISSUE TRACKING Versão 1.0 1 TUTORIAL DE USO DO GOOGLE CODE PARTE 1 ISSUE TRACKING Versão 1.0 1 Para cadastrar um novo Issue, siga os passos: 1. Clique em New Issue, como aponta a imagem a seguir: 2. Ao selecionar a opção New Issue,

Leia mais

Projectos de Software

Projectos de Software Projectos de Software Patrícia Macedo Engenharia de Software 2005/2006 EST, Setúbal Gestão de Projecto Engenharia de Software 2 1 Estrutura de Conceitos Engenharia de Software 3 Estruturas das Equipas

Leia mais

CMM Capability Maturity Model. Silvia Regina Vergilio

CMM Capability Maturity Model. Silvia Regina Vergilio CMM Capability Maturity Model Silvia Regina Vergilio Histórico O DoD patrocinou a fundação do SEI (Software Engineering Institute) na Universidade de Carnegie Mellon (Pittsburg) com o objetivo de propor

Leia mais

IBM Rational Quality Manager. Felipe Freire IBM Rational pfreire@br.ibm.com

IBM Rational Quality Manager. Felipe Freire IBM Rational pfreire@br.ibm.com Gerenciamento de Qualidade IBM Rational Quality Manager Felipe Freire IBM Rational pfreire@br.ibm.com Introdução Jazz Rational Quality Manager Demonstração Agenda 2 Teste de software?!? O que é? Para que

Leia mais

definido por um documento de padronização. A Fig. 1 representa a organização dos Grupos de Processos juntamente com os documentos exigidos.

definido por um documento de padronização. A Fig. 1 representa a organização dos Grupos de Processos juntamente com os documentos exigidos. A GESTÃO DE PROJETOS EXISTENTE NA NORMA DO-178B Matheus da Silva Souza, matheusdasilvasouza@gmail.com Prof. Dr. Luiz Alberto Vieira Dias, vdias@ita.br Instituto Tecnológico de Aeronáutica Praça Marechal

Leia mais

ANÁLISE COMPARATIVA ENTRE OS MODELOS DE PROCESSO: PROTOTIPAÇÃO, PSP E SCRUM

ANÁLISE COMPARATIVA ENTRE OS MODELOS DE PROCESSO: PROTOTIPAÇÃO, PSP E SCRUM ANÁLISE COMPARATIVA ENTRE OS MODELOS DE PROCESSO: PROTOTIPAÇÃO, PSP E SCRUM Peterson Vieira Salme 1, Claudete Werner 1 1 Universidade Paranaense (UNIPAR) Paranavaí PR Brasil petersonsalme@gmail.com, claudete@unipar.br

Leia mais

Antonio Marcos Neves Esteca. Apoio à maturidade pessoal visando a melhoria dos projetos de software

Antonio Marcos Neves Esteca. Apoio à maturidade pessoal visando a melhoria dos projetos de software Antonio Marcos Neves Esteca Apoio à maturidade pessoal visando a melhoria dos projetos de software São José do Rio Preto 2013 Antonio Marcos Neves Esteca Apoio à maturidade pessoal visando a melhoria dos

Leia mais

Fundamentos de Teste de Software

Fundamentos de Teste de Software Núcleo de Excelência em Testes de Sistemas Fundamentos de Teste de Software Módulo 2- Teste Estático e Teste Dinâmico Aula 3 Teste Estático SUMÁRIO INTRODUÇÃO... 3 1. Definição... 3 2. Custo Versus Benefício...

Leia mais

Aplicação da ISO/IEC TR 15504 na Melhoria do Processo de Desenvolvimento de Software de uma Pequena Empresa

Aplicação da ISO/IEC TR 15504 na Melhoria do Processo de Desenvolvimento de Software de uma Pequena Empresa Aplicação da ISO/IEC TR 15504 na Melhoria do Processo de Desenvolvimento de Software de uma Pequena Empresa Odair Jacinto da Silva 1, Carlos Alberto Borges 1, Clênio Sampaio Salviano 2, Adalberto N. Crespo

Leia mais

CMM. Model: : Um Modelo para Melhoria do Processo (de Produção) de Software. Capability. Maturity. Odisnei Galarraga odisnei@atlas.unisinos.

CMM. Model: : Um Modelo para Melhoria do Processo (de Produção) de Software. Capability. Maturity. Odisnei Galarraga odisnei@atlas.unisinos. CMM Capability Maturity Model: : Um Modelo para Melhoria do Processo (de Produção) de Software Odisnei Galarraga odisnei@atlas.unisinos.br 8/3/2002 Pró-Reitoria de Administração - Diretoria de Serviços

Leia mais

Agenda. Introdução Etapas genéricas Atividades de apoio Ferramentas de apoio Modelos genéricos Modelos de mercado Modelos de melhoria

Agenda. Introdução Etapas genéricas Atividades de apoio Ferramentas de apoio Modelos genéricos Modelos de mercado Modelos de melhoria Agenda Introdução Etapas genéricas Atividades de apoio Ferramentas de apoio Modelos genéricos Modelos de mercado Modelos de melhoria Introdução Processo de software é o conjunto de ferramentas, métodos

Leia mais

Controle de métricas no processo de desenvolvimento de software através de uma ferramenta de workflow

Controle de métricas no processo de desenvolvimento de software através de uma ferramenta de workflow Controle de métricas no processo de desenvolvimento de software através de uma ferramenta de workflow Gustavo Zanini Kantorski, Marcelo Lopes Kroth Centro de Processamento de Dados Universidade Federal

Leia mais

Ciência da Computação ENGENHARIA DE SOFTWARE. Análise dos Requisitos de Software

Ciência da Computação ENGENHARIA DE SOFTWARE. Análise dos Requisitos de Software Ciência da Computação ENGENHARIA DE SOFTWARE Análise dos Requisitos de Software Prof. Claudinei Dias email: prof.claudinei.dias@gmail.com Roteiro Introdução Tipos de requisitos Atividades Princípios da

Leia mais

No Relatório Técnico que apresenta o modelo CMM a apresentação das KPAs segue o formato visto Aqui, ênfase no nível 2

No Relatório Técnico que apresenta o modelo CMM a apresentação das KPAs segue o formato visto Aqui, ênfase no nível 2 Os níveis 3, 4 e 5 No Relatório Técnico que apresenta o modelo CMM a apresentação das KPAs segue o formato visto Aqui, ênfase no nível 2 descrição sucinta das KPAs dos níveis 3, 4 e 5 INF310 - Modelos

Leia mais

Utilização do TSP para a Gerência de Equipes Nível 2 do CMMI

Utilização do TSP para a Gerência de Equipes Nível 2 do CMMI Utilização do TSP para a Gerência de Equipes Nível 2 do CMMI Samuel Dall Agnol 1, Juliana Silva Herbert 1 1 ESICenter UNISINOS Universidade do Vale do Rio dos Sinos Av. Unisinos, 950 CEP 93.022-000 São

Leia mais

Análise e Conc epç ão de Sist em as de Inform aç ão 3URFHVVRV(QJ GH5HTXLVLWRV. Adaptado a partir de Gerald Kotonya and Ian Sommerville

Análise e Conc epç ão de Sist em as de Inform aç ão 3URFHVVRV(QJ GH5HTXLVLWRV. Adaptado a partir de Gerald Kotonya and Ian Sommerville Análise e Conc epç ão de Sist em as de Inform aç ão 3URFHVVRV(QJ GH5HTXLVLWRV Adaptado a partir de Gerald Kotonya and Ian Sommerville 1 Objectivos Introduzir a noção de processos e de modelos de processos

Leia mais

Gerência de Projetos de Software CMM & PMBOK

Gerência de Projetos de Software CMM & PMBOK Gerência de Projetos de Software CMM & PMBOK http://www.sei.cmu.edu/ Prefácio do CMM Após várias décadas de promessas não cumpridas sobre ganhos de produtividade e qualidade na aplicação de novas metodologias

Leia mais

Qualidade de Software. Anderson Belgamo

Qualidade de Software. Anderson Belgamo Qualidade de Software Anderson Belgamo Qualidade de Software Software Processo Produto Processo de Software Pessoas com habilidades, treinamento e motivação Processo de Desenvolvimento Ferramentas e Equipamentos

Leia mais

Uma proposta de gestão de serviços em demanda de manutenção corretiva de software

Uma proposta de gestão de serviços em demanda de manutenção corretiva de software Uma proposta de gestão de serviços em demanda de manutenção corretiva de software Regina Yoneko Asato (UNIP) ryoneko.mes.engprod@unip.br Mauro Mesquita Spinola (UNIP) mauro.spinola@unip.br Simone Canuto

Leia mais

QUALIDADE DE SOFTWARE AULA N.7

QUALIDADE DE SOFTWARE AULA N.7 QUALIDADE DE SOFTWARE AULA N.7 Curso: SISTEMAS DE INFORMAÇÃO Disciplina: Qualidade de Software Profa. : Kátia Lopes Silva 1 CMM: DEFINIÇÃO Capability Maturity Model Um modelo que descreve como as práticas

Leia mais

C.M.M. Capability Maturity Model Modelo de Maturidade da Capacidade

C.M.M. Capability Maturity Model Modelo de Maturidade da Capacidade UNISUL Universidade do Sul de Santa Catarina. Campus da Grande Florianópolis Pedra Branca. CIÊNCIA DA COMPUTAÇÃO ENGENHARIA DE SOFTWARE ALUNO: Volnei A. Caetano Palhoça 02 de Junho de 2000 C.M.M. Capability

Leia mais

Especialização em Gestão Estratégica de Tecnologia da Informação. CMMI Visão Geral

Especialização em Gestão Estratégica de Tecnologia da Informação. CMMI Visão Geral Especialização em Gestão Estratégica de Tecnologia da Informação CMMI Visão Geral Agenda Um histórico dos modelos CMM e CMMI Modelo CMMI Suíte do modelo Representações Níveis de maturidade Áreas de processo

Leia mais

Workshop de Teste de Software. Visão Geral. Emerson Rios emersonrios@riosoft.org.br www.emersonrios.eti.br

Workshop de Teste de Software. Visão Geral. Emerson Rios emersonrios@riosoft.org.br www.emersonrios.eti.br Workshop de Teste de Software Visão Geral Emerson Rios emersonrios@riosoft.org.br www.emersonrios.eti.br 1 AGENDA DO CURSO Conceitos Básicos Documentação Processo Plano de Teste Caso de Teste BIBLIOGRAFIA

Leia mais

Qualidade de software

Qualidade de software Apresentação PONTIFÍCIA UNIVERSIDADE CATÓLICA DO PARANÁ PÓS-GRADUAÇÃO EM INFORMÁTICA APLICADA Qualidade de software WILIAN ANTÔNIO ANHAIA DE QUEIROZ O que é qualidade? A Norma ISO8402 define Qualidade

Leia mais

Gerenciamento do Projeto

Gerenciamento do Projeto Engenharia de Software Capítulo 4 Gerenciamento de Projetos Slides do Livro do Sommerville, 2000 Disponíveis em inglês em www.software-engin.com Traduzidos por Jacinta Pereira Graduando do Curso de Letras

Leia mais

A implantação do CMM em um

A implantação do CMM em um A implantação do CMM em um ambiente de P&D EPQS - Campinas, 16/Setembro2004 Ana Pavan Lúcia Gastal 2004 Hewlett-Packard Development Company, L.P. Tópicos a serem abordados Parte I : A organização HP P&D

Leia mais

Gerenciamento de Qualidade

Gerenciamento de Qualidade UNIVERSIDADE ESTADUAL PAULISTA INSTITUTO DE BIOCIÊNCIAS, LETRAS E CIÊNCIAS EXATAS DEPARTAMENTO DE CIÊNCIAS DE COMPUTAÇÃO E ESTATÍSTICA Gerenciamento de Qualidade Engenharia de Software 2o. Semestre de

Leia mais

Melhoria da Qualidade de Produto e de Processo de Software a partir da Análise de Indicadores de Teste

Melhoria da Qualidade de Produto e de Processo de Software a partir da Análise de Indicadores de Teste Melhoria da Qualidade de Produto e de Processo de Software a partir da Análise de Indicadores de Teste ERIKA DE FREITAS NITA CI&T SYSTEMS S/A www.cit.com.br Resumo Atualmente, a maioria das empresas de

Leia mais

Suporte Técnico. Procedimento de Abertura de Chamados. 2010. Siemens Product Lifecycle Management Software Inc. All rights reserved

Suporte Técnico. Procedimento de Abertura de Chamados. 2010. Siemens Product Lifecycle Management Software Inc. All rights reserved Suporte Técnico Procedimento de Abertura de Chamados Siemens Siemens PLM PLM Software Software O Suporte Técnico da GTAC O Global Technical Access Center, ou GTAC, é o site global de informações técnicas

Leia mais

APLICACAÇÃO DE METRICAS E INDICADORES NO MODELO DE REFERENCIA CMMI-Dev NIVEL 2

APLICACAÇÃO DE METRICAS E INDICADORES NO MODELO DE REFERENCIA CMMI-Dev NIVEL 2 APLICACAÇÃO DE METRICAS E INDICADORES NO MODELO DE REFERENCIA CMMI-Dev NIVEL 2 Renan J. Borges 1, Késsia R. C. Marchi 1 1 Universidade Paranaense (UNIPAR) Paranavaí, PR Brasil renanjborges@gmail.com, kessia@unipar.br

Leia mais

Requisitos para ferramentas de registro de defeitos de software

Requisitos para ferramentas de registro de defeitos de software Requisitos para ferramentas de registro de defeitos de software Alessandro Liebmam Departamento de Ciência da Computação Instituto de Ciências Exatas Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG) CEP: 31270-010

Leia mais

Um modelo para o gerenciamento de múltiplos projetos de software aderente ao CMMI

Um modelo para o gerenciamento de múltiplos projetos de software aderente ao CMMI Universidade Federal de Pernambuco Graduação em Ciência da Computação Centro de Informática Um modelo para o gerenciamento de múltiplos projetos de software aderente ao CMMI PROPOSTA DE TRABALHO DE GRADUAÇÃO

Leia mais

Qualidade em Projetos aperfeiçoamento de processos Entendimento/Monitoração e Controle. 0 - Generalidades

Qualidade em Projetos aperfeiçoamento de processos Entendimento/Monitoração e Controle. 0 - Generalidades * AMARAL, J.A. Modelos para gestão de projetos: como utilizar adequadamente conceitos, ferramentas e metodologias. São Paulo: Scortecci: 2004 * http://www.rcgg.ufrgs.br/cap14.htm (visitado em 05/2006)

Leia mais

Ambiente de workflow para controle de métricas no processo de desenvolvimento de software

Ambiente de workflow para controle de métricas no processo de desenvolvimento de software Ambiente de workflow para controle de métricas no processo de desenvolvimento de software Gustavo Zanini Kantorski, Marcelo Lopes Kroth Universidade Federal de Santa Maria (UFSM) 97100-000 Santa Maria

Leia mais

CMM - Capability Maturity Model

CMM - Capability Maturity Model Tema da Aula Normas e Padrões de Qualidade em II CMM Prof. Cristiano R R Portella portella@widesoft.com.br CMM - Capability Maturity Model Desenvolvido pelo SEI (Instituto de Engenharia de ) Carnegie Mellon

Leia mais

GENS S.A. Metodologia de Desenvolvimento Padrões de uso para o Sistema Gemini Versão Reduzida Relatório Análise de Causa

GENS S.A. Metodologia de Desenvolvimento Padrões de uso para o Sistema Gemini Versão Reduzida Relatório Análise de Causa GENS S.A. Metodologia de Desenvolvimento Padrões de uso para o Sistema Gemini Versão Reduzida Relatório Análise de Causa 1. Relatório de Análise de Causa Quando utilizar? O template deve ser utilizado

Leia mais

Delfraro Rodrigues Douglas M Gandini José Luiz CMM. Capability Maturity Model

Delfraro Rodrigues Douglas M Gandini José Luiz CMM. Capability Maturity Model Delfraro Rodrigues Douglas M Gandini José Luiz CMM Capability Maturity Model O que é o CMM? Modelo para avaliação da maturidade dos processos de software de uma organização Identificação das práticas chave

Leia mais

Mapeamento Sistemático sobre Métricas no Contexto de Métodos Ágeis aplicadas a Teste de Software

Mapeamento Sistemático sobre Métricas no Contexto de Métodos Ágeis aplicadas a Teste de Software sobre Métricas no Contexto de Métodos Ágeis aplicadas a Teste de Software Thaynã Gonçalves Mota Arilo Claudio Dias Neto (arilo@icomp.ufam.edu.br) Roteiro deste apresentação Introdução 2 Problema e Motivação

Leia mais

ATENDENDO À KPA REQUISITOS DO CMM ATRAVÉS DO RUP E FERRAMENTAS RATIONAL

ATENDENDO À KPA REQUISITOS DO CMM ATRAVÉS DO RUP E FERRAMENTAS RATIONAL TERRA E CULTURA, ANO XX, Nº 39 145 ATENDENDO À KPA REQUISITOS DO CMM ATRAVÉS DO RUP E FERRAMENTAS RATIONAL RESUMO * Fábio Luiz Gambarotto 1 ** Ademir Morgenstern Padilha O CMM, Modelo de Capacidade e Maturidade,

Leia mais

Professor: Disciplina:

Professor: Disciplina: Professor: Curso: Disciplina: Marcos Morais de Sousa marcosmoraisdesousa@gmail.com marcosmoraisdesousa.blogspot.com Sistemas de informação Engenharia de Software II Gerenciamento de Qualidade CMMI e MPS.BR

Leia mais

MODELO SPICE Software Improvement and Capacibilty Determination Avalia o software com foco na melhoria de seus processos (identifica pontos fracos e

MODELO SPICE Software Improvement and Capacibilty Determination Avalia o software com foco na melhoria de seus processos (identifica pontos fracos e MODELO SPICE Software Improvement and Capacibilty Determination Avalia o software com foco na melhoria de seus processos (identifica pontos fracos e fortes, que serão utilizados para a criação de um plano

Leia mais

Proposta de Implementação de Qualidade de Software na Organização

Proposta de Implementação de Qualidade de Software na Organização Proposta de Implementação de Qualidade de Software na Organização Daniel Gonçalves Jacobsen 1 Faculdade Dom Bosco de Porto Alegre Porto Alegre RS Brasil daniel@flete.com.br Abstract. This article describes

Leia mais

Normas e Padrões de Qualidade em Software - I

Normas e Padrões de Qualidade em Software - I Tema da Aula Normas e Padrões de Qualidade em - I Prof. Cristiano R R Portella portella@widesoft.com.br Certificação da Qualidade Certificações emitidas por entidades públicas conceituadas: 9 ABIC Selo

Leia mais

A Experiência de Melhoria do Processo do Instituto Atlântico Baseado no SW-CMM nível 2

A Experiência de Melhoria do Processo do Instituto Atlântico Baseado no SW-CMM nível 2 A Experiência de Melhoria do Processo do Instituto Atlântico Baseado no SW-CMM nível 2 Carlos Giovano Pires, Fabiana Marinho, Gabriela Telles, Arnaldo Belchior * Instituto Atlântico, Rua Chico Lemos, 946,

Leia mais

Casos de Teste de Uso: uma alternativa de especificação para o desenvolvimento dirigido por testes

Casos de Teste de Uso: uma alternativa de especificação para o desenvolvimento dirigido por testes Casos de Teste de Uso: uma alternativa de especificação para o desenvolvimento dirigido por testes Simone Tejo Salgado Beato Instituto de Pesquisas Tecnológicas de São Paulo SP Brasil sisalgado@uol.com.br

Leia mais

Gerenciamento de Projetos na Engenharia de Software

Gerenciamento de Projetos na Engenharia de Software Gerenciamento de Projetos na Engenharia de Software Mauro Sotille, PMP, ITIL mauro.sotille@pmtech.com.br Abril, 2014 Mauro Sotille possui certificação PMP - Project Management Professional desde 1998.

Leia mais

Melhores Práticas na Automação de Testes

Melhores Práticas na Automação de Testes Melhores Práticas na Automação de Testes A Cristiano Caetano c_caetano@hotmail.com É certificado CBTS pela ALATS. Diretor da TestAnywhere, consultoria de teste de software (www.testanywhere.com.br). Possui

Leia mais

Processo de Desenvolvimento de Software

Processo de Desenvolvimento de Software Unidade IV Introdução aos Padrões de PDS Luiz Leão luizleao@gmail.com http://www.luizleao.com Conteúdo da Unidade 1. CMM / CMMI 2. SPICE 3. ISO 12207 4. MPS/BR CMM - Capability Maturity Model CMM Capability

Leia mais

Uma Visão Geral do Bugzilla, uma Ferramenta de Acompanhamento de Alterações

Uma Visão Geral do Bugzilla, uma Ferramenta de Acompanhamento de Alterações Uma Visão Geral do Bugzilla, uma Ferramenta de Acompanhamento de Alterações Christian Robottom Reis Async Open Source R. Dona Alexandrina, 2534 São Carlos, SP 13566-290 Resumo Ferramentas

Leia mais

CAPACIDADE DE AVALIAÇÃO DE UM SOFTWARE UTILIZANDO O MODELO CMM. Capacity evaluation of a Software Using the Model CMM

CAPACIDADE DE AVALIAÇÃO DE UM SOFTWARE UTILIZANDO O MODELO CMM. Capacity evaluation of a Software Using the Model CMM CAPACIDADE DE AVALIAÇÃO DE UM SOFTWARE UTILIZANDO O MODELO CMM Capacity evaluation of a Software Using the Model CMM Walteno Martins Parreira Júnior, Renner Augusto Alves Lima, Roberto Guimarães Dutra

Leia mais

CMMI Conceitos básicos. CMMI Representações contínua e por estágios. Professor Gledson Pompeu (gledson.pompeu@gmail.com)

CMMI Conceitos básicos. CMMI Representações contínua e por estágios. Professor Gledson Pompeu (gledson.pompeu@gmail.com) CMMI Conceitos básicos 113 CMMI integra as disciplinas de engenharia de sistemas e de engenharia de software em um único framework de melhoria de processos. 114 No tocante às disciplinas de engenharia

Leia mais

O Ciclo de Vida do Desenvolvimento de Sistemas i

O Ciclo de Vida do Desenvolvimento de Sistemas i O Ciclo de Vida do de Sistemas i O Ciclo de Vida do de Sistemas ( SDLC Systems Development Life Cycle), conhecido também com o ciclo de vida do software refere-se aos estágios de concepção, projeto, criação

Leia mais

Uma Arquitetura de Processos para ISO 9001:2000 e SW- CMM Nível 3

Uma Arquitetura de Processos para ISO 9001:2000 e SW- CMM Nível 3 Uma Arquitetura de Processos para ISO 9001:2000 e SW- CMM Nível 3 Carlo Giovano Pires, Fabiana Marinho, Gabriela Telles, Márcia Sampaio Instituto Atlântico, Rua Chico Lemos, 946, 60822-780, Fortaleza -

Leia mais

GIOVANI HIPOLITO MARONEZE ESTUDO DE CASO CONTENDO IMPLANTAÇÃO DO MODELO MR-MPS-SV (NÍVEL G)

GIOVANI HIPOLITO MARONEZE ESTUDO DE CASO CONTENDO IMPLANTAÇÃO DO MODELO MR-MPS-SV (NÍVEL G) GIOVANI HIPOLITO MARONEZE ESTUDO DE CASO CONTENDO IMPLANTAÇÃO DO MODELO MR-MPS-SV (NÍVEL G) LONDRINA - PR 2014 GIOVANI HIPOLITO MARONEZE ESTUDO DE CASO CONTENDO IMPLANTAÇÃO DO MODELO MR-MPS-SV (NÍVEL G)

Leia mais

Orientações iniciais

Orientações iniciais 1 Dê preferência ao uso de uma conexão de banda larga O evento não fará uso do vídeo (webcam), somente slides e áudio Se necessário, ajuste o idioma da sala na barra de ferramentas superior O evento terá

Leia mais

Ciência da Computação ENGENHARIA DE SOFTWARE. Planejamento e Gerenciamento

Ciência da Computação ENGENHARIA DE SOFTWARE. Planejamento e Gerenciamento Ciência da Computação ENGENHARIA DE SOFTWARE Planejamento e Gerenciamento Prof. Claudinei Dias email: prof.claudinei.dias@gmail.com Roteiro Introdução; Pessoas, Produto, Processo e Projeto; Gerência de

Leia mais

Engenharia de Software. Gerenciamento de Requisitos. Prof. Rodolfo Miranda de Barros rodolfo@uel.br

Engenharia de Software. Gerenciamento de Requisitos. Prof. Rodolfo Miranda de Barros rodolfo@uel.br Engenharia de Software Gerenciamento de Requisitos Prof. Rodolfo Miranda de Barros rodolfo@uel.br Engenharia de Requisitos (ER) Engenharia de O termo Engenharia implica em dizer que um processo sistemático

Leia mais

TESTE DE SOFTWARE E QUALIDADE DE SOFTWARE: UMA VISÃO GERAL

TESTE DE SOFTWARE E QUALIDADE DE SOFTWARE: UMA VISÃO GERAL 1 TESTE DE SOFTWARE E QUALIDADE DE SOFTWARE: UMA VISÃO GERAL Renato de Oliveira Moraes Faculdades Tibiriçá Lab. de Engenharia de Software - E-mail: renato.moraes@peceptron.com.br Rua Pe Benedito Maria

Leia mais

Universidade Estadual de Campinas Faculdade de Tecnologia. Aysy Anne Andrade Duarte Willian Alves Barboza. Gerenciamento de Projetos Open Source

Universidade Estadual de Campinas Faculdade de Tecnologia. Aysy Anne Andrade Duarte Willian Alves Barboza. Gerenciamento de Projetos Open Source Universidade Estadual de Campinas Faculdade de Tecnologia Aysy Anne Andrade Duarte Willian Alves Barboza Gerenciamento de Projetos Open Source Limeira, 2010 Universidade Estadual de Campinas Faculdade

Leia mais

são capturados de forma sistemática e intuitiva por meio de casos de uso.

são capturados de forma sistemática e intuitiva por meio de casos de uso. Prevenção de defeitos em Requisitos de Software: Uma caracterização do processo de melhoria Daniela C. C. Peixoto (Synergia, DCC/UFMG), Clarindo Isaías P. S. Pádua (Synergia, DCC/UFMG), Eveline A. Veloso

Leia mais

Fatores humanos de qualidade CMM E CMMI

Fatores humanos de qualidade CMM E CMMI Fatores humanos de qualidade CMM E CMMI Eneida Rios¹ ¹http://www.ifbaiano.edu.br eneidarios@eafcatu.gov.br Campus Catu 1 Curso de Análise e Desenvolvimento de Sistemas Conteúdos Fatores humanos de qualidade

Leia mais

Qualidade de software

Qualidade de software Qualidade de software É cada dia maior o número de empresas que buscam melhorias em seus processos de desenvolvimento de software. Além do aumento da produtividade e da diminuição do retrabalho, elas buscam

Leia mais

Subject: The finance source/ new application/ project submission form COMPANY / PROJECT INFORMATION. Date of Submission: Registered Company Name

Subject: The finance source/ new application/ project submission form COMPANY / PROJECT INFORMATION. Date of Submission: Registered Company Name Subject: The finance source/ new application/ project submission form All questions must be answered in details to receive an informed response. All information & data are to be provided directly by the

Leia mais

Ciência da Computação ENGENHARIA DE SOFTWARE. Recursos e Cronograma

Ciência da Computação ENGENHARIA DE SOFTWARE. Recursos e Cronograma Ciência da Computação ENGENHARIA DE SOFTWARE Recursos e Cronograma Prof. Claudinei Dias email: prof.claudinei.dias@gmail.com Roteiro Introdução; Recursos; Pessoal; Software; Hardware; Outros recursos;

Leia mais

O evento não fará uso do vídeo (webcam), somente slides e áudio. Se necessário, ajuste o idioma da sala na barra de ferramentas superior

O evento não fará uso do vídeo (webcam), somente slides e áudio. Se necessário, ajuste o idioma da sala na barra de ferramentas superior FATTO Consultoria e Sistemas - www.fattocs.com.br 1 Orientações iniciais Dê preferência ao uso de uma conexão de banda larga O evento não fará uso do vídeo (webcam), somente slides e áudio Se necessário,

Leia mais

Modelos de Qualidade de Produto de Software

Modelos de Qualidade de Produto de Software CBCC Bacharelado em Ciência da Computação CBSI Bacharelado em Sistemas de Informação Modelos de Qualidade de Produto de Software Prof. Dr. Sandro Ronaldo Bezerra Oliveira srbo@ufpa.br www.ufpa.br/srbo

Leia mais

Melhoria no Desenvolvimento Ágil com Implantação de Processo de Integração Contínua Multiplataforma para Java e.net. Hudson

Melhoria no Desenvolvimento Ágil com Implantação de Processo de Integração Contínua Multiplataforma para Java e.net. Hudson QUALIDADE Simpósio Brasileiro de Qualidade de Software - SBQS Instituto Nokia de Tecnologia Unit Test Sucess Bug INdT Melhoria no Desenvolvimento Ágil com Implantação de Processo de Integração Contínua

Leia mais

Relato da Experiência do Processo de Institucionalização do Modelo CMMI na Dataprev

Relato da Experiência do Processo de Institucionalização do Modelo CMMI na Dataprev Artigos técnicos selecionados Relato da Experiência do Processo de Institucionalização do Modelo CMMI na Dataprev Rosana Fernandes Osório, Guilherme Tavares Motta Coordenação Geral de Qualidade de Software

Leia mais

Qualidade de Software Aula 6 / 2010. luis@garcia.pro.br www.garcia.pro.br

Qualidade de Software Aula 6 / 2010. luis@garcia.pro.br www.garcia.pro.br Qualidade de Software Aula 6 / 2010 Prof. Dr. Luís Fernando Garcia luis@garcia.pro.br www.garcia.pro.br Introdução As três dimensões críticas Introdução Começando MAL CMMI Impeditivos CMMI Desculpas CMMI

Leia mais

ESCOLA SUPERIOR DE TECNOLOGIA E GESTÃO DE FELGUEIRAS

ESCOLA SUPERIOR DE TECNOLOGIA E GESTÃO DE FELGUEIRAS Curricular Unit Plan ESCOLA SUPERIOR DE TECNOLOGIA E GESTÃO DE FELGUEIRAS CURSO Licenciatura em Engenharia Informática U.C. GESTÃO DE PROJECTOS INFORMÁTICOS Horas presenciais / Ano 56 Ano Lectivo 2010

Leia mais

CAPABILITY MATURITY MODEL INTEGRATION. Prof. Késsia R. C. Marchi

CAPABILITY MATURITY MODEL INTEGRATION. Prof. Késsia R. C. Marchi CAPABILITY MATURITY MODEL INTEGRATION Prof. Késsia R. C. Marchi Modelos de maturidade Um modelo de maturidade é um conjunto estruturado de elementos que descrevem características de processos efetivos.

Leia mais

Ciência da Computação ENGENHARIA DE SOFTWARE. Análise dos Riscos

Ciência da Computação ENGENHARIA DE SOFTWARE. Análise dos Riscos Ciência da Computação ENGENHARIA DE SOFTWARE Análise dos Riscos Prof. Claudinei Dias email: prof.claudinei.dias@gmail.com Roteiro Introdução Análise dos Riscos Atividades Princípios da Análise Especificação

Leia mais

CES-32 e CE-230 Qualidade, Confiabilidade e Segurança de Software. Tendências, Perspectivas e Ferramentas de Qualidade em Engenharia de Software (4)

CES-32 e CE-230 Qualidade, Confiabilidade e Segurança de Software. Tendências, Perspectivas e Ferramentas de Qualidade em Engenharia de Software (4) CURSO de GRADUAÇÃO e de PÓS-GRADUAÇÃO do ITA 2º SEMESTRE 2002 CES-32 e CE-230 Qualidade, Confiabilidade e Segurança de Software Eng. Osvandre Alves Martins e Prof. Dr. Adilson Marques da Cunha Tendências,

Leia mais

Teste de Software I Conceitos e Estratégias

Teste de Software I Conceitos e Estratégias Tema da Aula Teste de I Conceitos e Estratégias Prof. Cristiano R R Portella portella@widesoft.com.br Conceitos Teste e Garantia de Qualidade Importância do Teste, segundo Deutsch: O desenvolvimento de

Leia mais

Uma Experiência de Engenharia de Requisitos em Empresas de Software

Uma Experiência de Engenharia de Requisitos em Empresas de Software Uma Experiência de Engenharia de Requisitos em Empresas de Software Carina Frota Alves Centro de Informática, Universidade Federal de Pernambuco, Brasil cfa@cin.ufpe.br Resumo. Este artigo apresenta uma

Leia mais

Testes Agile em Processos Agile

Testes Agile em Processos Agile Testes Agile em Processos Agile Ana Negrello Fabio Santos 1 #IBMMobile Testes e Métodos Ágeis: a realidade 2 2 #IBMMobile Terminologia: Agile e Lean Agile Entregue VALOR Uma abordagem que foca em entregar

Leia mais

Análise da Maturidade de um Processo de Teste Orientado a Artefatos

Análise da Maturidade de um Processo de Teste Orientado a Artefatos Análise da Maturidade de um Processo de Teste Orientado a Artefatos Paulo M. S. Bueno 1*, Adalberto N. Crespo 1, Mario Jino 2 1 Divisão de Melhoria de Processo - CenPRA Rodovia Dom Pedro I, km 143,6 -

Leia mais

PMBok & CMM + CMMi Resumo

PMBok & CMM + CMMi Resumo PMBok & CMM + CMMi PMBok & CMM + CMMi Resumo Mauro Sotille, PMP mauro.sotille@pmtech.com.br www.pmtech.com.br Fontes SEI/Carnegie Mellon University Apresentação: Gerência de Projetos de Software, José

Leia mais

Gerência de Risco em Processos de Qualidade de Software: uma Análise Comparativa

Gerência de Risco em Processos de Qualidade de Software: uma Análise Comparativa Gerência de Risco em Processos de Qualidade de Software: uma Análise Comparativa Cristine Martins Gomes de Gusmão, Hermano Perrelli de Moura Centro de Informática Universidade Federal de Pernambuco (UFPE)

Leia mais

Estimativa & Planejamento de Projeto de Software.

Estimativa & Planejamento de Projeto de Software. Estimativa & Planejamento de. Capítulo I Sobre a Disciplina de Estimativas & Planejamento de Prof. M. Sc. Índice dos Capítulos. 2 1 Sobre a disciplina estimativas e planejamento de projetos. 2 Conceitos

Leia mais

6 Referências Bibliográficas

6 Referências Bibliográficas 92 6 Referências Bibliográficas AGLE ALLANCE. Manifesto for agile software development. Disponível em . Acesso em 12 abr.2010. AGLE ALLANCE. "What is Scrum". Disponível em

Leia mais

O que é CMMI? Base do CMMI. Melhorando o processo é possível melhorar-mos o software. Gerais. Processo. Produto

O que é CMMI? Base do CMMI. Melhorando o processo é possível melhorar-mos o software. Gerais. Processo. Produto Gerais Processo Produto Propostas NBR ISO 9000:2005 define principios e vocabulário NBR ISO 9001:2000 define exigências para sistema de gerência de qualidade NBR ISO 9004:2000 apresenta linha diretivas

Leia mais

Capítulo 5: CMMI, o Capability Maturity Model Integration

Capítulo 5: CMMI, o Capability Maturity Model Integration Capítulo 5: CMMI, o Capability Maturity Model Integration Capítulo 1: Introdução Capítulo 2: Conceitos Básicos Capítulo 3: Qualidade de Produto (ISO9126) Capítulo 4: ISO9001 e ISO90003 Capítulo 5: CMMI

Leia mais

Políticas de Qualidade em TI

Políticas de Qualidade em TI Políticas de Qualidade em TI Prof. www.edilms.eti.br edilms@yahoo.com Aula 03 CMMI Capability Maturity Model Integration Parte I Agenda Processos CMMI Definição Histórico Objetivos Características Representações

Leia mais

J. M. Silveira Neto. Sun Campus Ambassador. silveiraneto@gmail.com jose.neto@sun.com http://silveiraneto.net

J. M. Silveira Neto. Sun Campus Ambassador. silveiraneto@gmail.com jose.neto@sun.com http://silveiraneto.net Uma olhada no Netbeans 6 J. M. Silveira Neto Sun Campus Ambassador silveiraneto@gmail.com jose.neto@sun.com http://silveiraneto.net Agenda O que é o Netbeans? Adquira o Netbeans Editor de Código Mais Funcionalidades

Leia mais

Mostraremos neste artigo um exemplo de como realizar o cadastro de uma Issue em um projeto existente no portal Java.net.

Mostraremos neste artigo um exemplo de como realizar o cadastro de uma Issue em um projeto existente no portal Java.net. Introdução Página 1 de 7 Mostraremos neste artigo um exemplo de como realizar o cadastro de uma Issue em um projeto existente no portal Java.net. Para iniciar este trabalho, estou considerando que você

Leia mais

Implantação de um Processo de Medições de Software

Implantação de um Processo de Medições de Software Departamento de Informática BFPUG Brazilian Function Point Users Group Implantação de um Processo de Medições de Software Claudia Hazan, MSc., CFPS claudinhah@yahoo.com Agenda Introdução Processo de Medições

Leia mais