Rolamentos. de esferas. montados

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Rolamentos. de esferas. montados"

Transcrição

1 1

2 Mancais de rolamentos Conjunto de rolamento modular que consiste em um rolamento em polegada ou sistema métrico, vedado e lubrificado, em uma variedade de tipos de caixa, mecanismos de trava, estilos de montagem e material da caixa. Os rolamentos oferecem uma solução antifricção ao apoiar eixos giratórios com cargas radiais. Estilos de caixa Mancal, flanges, conjuntos de correção de folga Estilos de travamento Parafuso de ajuste, parafuso de ajuste duplo, concêntrico e excêntrico Faixa dimensional do diâmetro ½ a 15/16 e 0 mm a 100 mm Material da caixa Ferro fundido e dúctil, aço estampado G-

3 Guia de seleção de rolamentos Mancais de rolamentos Tipo de travamento Marca Imagem Série Estilo de caixa Serviço Parafuso de ajuste Concêntrico Parafuso de ajuste duplo NP Mancal com dois parafusos - Base alta Standard NP NP-T NP NP Mancal com dois parafusos - Base baixa Standard NP NP-T SP Mancal com dois parafusos - Serviço pesado Standard SP SP-T SP MP Mancal com dois parafusos - Base alta Médio MP MP-T MP MFP Mancal com quatro parafusos - Base alta Médio MFP MFP MSP Mancal com dois parafusos - Serviço pesado Médio MSP Sealmaster MSFP Mancal com quatro parafusos - Serviço pesado Médio MSFP SPM Mancal com dois parafusos - Serviço pesado Médio SPM TB Mancal com base atarraxada Standard TB TB-T SF Flange com quatro parafusos Standard SF SF-T MSF Flange com quatro parafusos Médio MSF MSF-T SFT Flange com dois parafusos Standard SFT SFT-T MSFT Flange com dois parafusos Médio MSFT MSFT-T G-3

4 Mancais de rolamentos Rolamentos Faixa dimensional Material da carcaça Vedação padrão Opções de vedação Polegada Métrico Nome da seção Páginas - 15/16 0 mm - 75mm G-31 a G-33-11/16 0 mm - 60 mm G-3 a G-35 13/16-3 7/16 36mm - 80mm G-36 a G-38 15/16-5mm - 100mm G-39 a G mm - 100mm G- a G /16-15/16 N/ G- Ferro fundido Feltro Contato esempenho dos - 15/16 N/ rolamentos de G-5 esferas - N/ G-6-0 mm - 50mm G-7 a G-8-15/16 0 mm - 75mm G-9 a G-50 15/16-15/16 5mm - 100mm G-51 a G-5-3/16 0 mm - 55mm G-53 a G-5 15/16-5mm - 50mm G-55 a G-56 G-

5 Mancais de rolamentos Guia de seleção de rolamentos Tipo de travamento Marca Imagem Série Estilo de caixa Serviço Parafuso de ajuste Concêntrico Parafuso de ajuste duplo FB Suporte do flange Standard FB FB-T SFC Cartucho do flange piloto Standard SFC SFC-T MFC Cartucho do flange piloto Médio MFC MFC-T MFC SEB Rolamento suspenso ubrificação externa Varia SEB SEB-T SEB SCB Rolamento suspenso ubrificação interna Varia SCB SC Cartucho cilíndrico Standard SC SC-T Sealmaster MSC Cartucho cilíndrico Médio MSC MSC-T ST Correção da folga de fenda larga Standard ST ST-T MST Correção da folga de fenda larga Médio MST MST-T ST Estrutura de correção de folga com acionamento central Standard ST MST Estrutura de correção de folga com acionamento central Médio MST NPG Estrutura de correção de folga com montagem superior Standard NPG G-5

6 Mancais de rolamentos Rolamentos Faixa dimensional Material da carcaça Vedação padrão Opções de vedação Polegada Métrico Nome da seção Páginas - 0 mm - 50mm G-57 a G-58 Ferro fundido 1 1/8-3 3/16 30mm - 80mm G-59 a G-60 15/16-5mm - 100mm G-61 a G-63 15/16-5mm - 100mm G-6 a G-66 Ferro dúctil Feltro Contato 15/16-5mm - 100mm G-67-15/16 0 mm - 75mm G-68 a G-69 esempenho dos rolamentos de esferas 15/16-5mm - 100mm G-70 a G-71 Ferro fundido - 3 7/16 0 mm - 80mm G-7 a G-73 15/16-5mm - 100mm G-7 a G-75-15/16 5mm - 75mm G-76 a G-78 N/ N/ N/ 1 11/16 - N/ G-79-3/16 5mm - 55mm G-80 a G-8 G-6

7 Mancais de rolamentos Guia de seleção de rolamentos Tipo de travamento Marca Imagem Série Estilo de caixa Serviço Parafuso de ajuste Concêntrico Parafuso de ajuste duplo SPG Estrutura de correção de folga com montagem superior Standard SPG TFT-T Flange com dois parafusos Standard TFT-T SRF Flange montado em borracha eve SRF SRP Mancal montado em borracha eve SRP SRC Cartucho montado em borracha eve SRC RB Inserto montado em borracha eve RB Sealmaster R- Inserto de expansão Standard R- R--T R-3 Inserto de expansão Médio R-3 R-3-T - Inserto Standard - -T - 3- Inserto Médio 3-3-T 3- ER Inserto com diâmetro externo cilíndrico Standard ER ER-T NPM Mancal Standard NPM NPM-T TBM Mancal com base atarraxada Standard TBM TBM-T G-7

8 Mancais de rolamentos Rolamentos Faixa dimensional Material da carcaça Vedação padrão Opções de vedação Polegada Métrico Nome da seção Páginas N/ N/ N/ 1/ - 15/16 60mm - 75mm G-8 Ferro dúctil 15/16-1 7/16 N/ G / N/ G-8 ço estampado - 1 1/ N/ G-85 Borracha - 1 1/ N/ G-86 esempenho dos rolamentos N/ - 1 1/ N/ G-87 Feltro Contato -3 0 mm - 90mm G-88 a G-89 atão 15/16-5mm - 100mm G-90 a G mm - 90mm G-9 a G-9 N/ 15/16-15/16 5mm - 100mm G-95 a G-97-0 mm - 80mm esempenho dos rolamentos com diâmetro externo cilíndrico (ER) G-107 a G /16 N/ G-113 a G-11 Ferro fundido Vedação de contato + defletor de poeira N/ Manuseio de material de rolamentos 1 - N/ G-115 a G-116 G-8

9 Mancais de rolamentos Guia de seleção de rolamentos Tipo de travamento Marca Imagem Série Estilo de caixa Serviço Parafuso de ajuste Concêntrico Parafuso de ajuste duplo SFM Flange com quatro parafusos Standard SFM SFM-T SFTM Flange com dois parafusos Standard SFTM SFTM-T FBM Suporte do flange Standard FBM FBM-T STM Correção da folga de fenda larga Standard STM STM-T M Inserto Standard M M-T PVR-x3xx Mancal Varia Sealmaster PVR-xxx Mancal com base atarraxada Varia PVR-x5xx Flange com quatro parafusos Varia PVR-x6xx Flange com dois parafusos Varia PVR-x1xx Cartucho do flange piloto Varia PVR-xxx Rolamento suspenso Varia PVR-x7xx Cartucho cilíndrico Varia G-9

10 Mancais de rolamentos Rolamentos Faixa dimensional Material da carcaça Vedação padrão Opções de vedação Polegada Métrico Nome da seção Páginas 1-7/16 N/ G-117 a G /16 N/ G-119 a G-10 Ferro fundido Contato + defletor de poeira Manuseio de material 1 - N/ G-11 a G-1 de rolamentos 1-3/16 N/ G-13 a G-1 N/ 1-7/16 N/ G-15 a G /8-1 N/ G-130 N/ 1 - N/ G /16 N/ G-13 Varia Varia Rolamentos para 1 7/16 - N/ G-133 pavimentação - 3/16 N/ G-13-11/16 N/ G N/ G-136 G-10

11 Mancais de rolamentos Guia de seleção de rolamentos Tipo de travamento Marca Imagem Série Estilo de caixa Serviço Parafuso de ajuste Concêntrico Excêntrico VP 100 Mancal de dois parafusos - Base alta Intermediário VPS 100 VPE 100 VP 00 Mancal de dois parafusos - Base alta Standard VPS 00 VPB 00 VPE 00 VP 300 Mancal de dois parafusos - Base alta Médio VPS 300 VPB 300 VP 100 Mancal de dois parafusos - Base baixa Intermediário VPS 100 VPE 100 VP 00 Mancal de dois parafusos - Base baixa Standard VPS 00 VPB 00 VPE 00 VP 00 Mancal de dois parafusos - Base alternada Standard VPS 00 Browning VTB 100 Mancal com base atarraxada Intermediário VTBE 100 VTB 00 Mancal com base atarraxada Standard VTBS 00 VTBB 00 VF 100 Flange com quatro parafusos Intermediário VFS 100 VFE 100 VF 00 Flange com quatro parafusos Standard VFS 00 VFB 00 VFE 00 VF 300 Flange com quatro parafusos Médio VFS 300 VFB 300 VF 100 Flange com dois parafusos Intermediário VFS 100 VFE 100 VF 00 Flange com dois parafusos Standard VFS 00 VFB 00 VFE 00 G-11

12 Mancais de rolamentos Rolamentos Faixa dimensional Material da carcaça Vedação padrão Opções de vedação Polegada Métrico Nome da seção Páginas Contato - 3/16 N/ G-15 a G-16-15/16 0 mm - 60 mm G-17 a G-150 Contato + defletor de poeira 1-3/16 N/ G-151 a G-15 Contato - 3/16 N/ G-153 a G-15 Contato + defletor de poeira - 7/16 N/ G-155 a G N/ G-158 Ferro fundido Mancais de Contato N/ - N/ rolamentos G-159 Contato + defletor de poeira - 0 mm - 50mm G-160 a G-16 Contato - 3/16 N/ G-163 a G-16 Contato + defletor de poeira - 7/16 0 mm - 60 mm G-165 a G /16 N/ G-169 a G-170 Contato - 3/16 N/ G-171 a G-17 Contato + defletor de poeira - 7/16 0 mm - 60 mm G-173 a G-176 G-1

13 Mancais de rolamentos Guia de seleção de rolamentos Tipo de travamento Marca Imagem Série Estilo de caixa Serviço Parafuso de ajuste Concêntrico Excêntrico VF 300 Flange com dois parafusos Médio VFS 300 VFB 300 VFB 00 Suporte do flange Standard VFBS 00 VFBB 00 VFC 00 Cartucho do flange piloto Standard VFCS 00 VFCB 00 VFC 300 Cartucho do flange piloto Médio VFCS 300 VFCB 300 VTW 100 Correção da folga de fenda larga Intermediário VTWS 100 VTWE 100 VTW 00 Correção da folga de fenda larga Standard VTWS 00 VTWE 00 Browning VTW 300 Correção da folga de fenda larga Médio VTWS 300 SF Estrutura de correção de folga com acionamento central Standard xsfxx TF Estrutura de correção de folga com montagem superior Standard xtfxx VP 100M Mancal Intermediário VPS100-M VF 100M Flange com dois parafusos Intermediário VFS100-M VF3 100M Flange de três parafusos Intermediário VF3S100-M SSP 100 Mancal eve SSPS 100 G-13

14 Mancais de rolamentos Rolamentos Faixa dimensional Material da carcaça Vedação padrão Opções de vedação Polegada Métrico Nome da seção Páginas 1 - G-177 a G G-179 a G-180 Contato + defletor de poeira 1 1/8-7/16 G-181 a G-18 Ferro fundido 1-1/ G-183 a G-18 Contato - 3/16 G-185 a G-186-7/16 G-187 a G-188 Contato + defletor de poeira N/ Mancais de 1-1/ N/ G-189 rolamentos - 7/16 G-190 N/ N/ - 7/16 G /16 G-19 Ferro dúctil - 1 7/16 G-193 Contato - 1 7/16 G-19 ço estampado - 1 1/ G-195 G-1

15 Mancais de rolamentos Guia de seleção de rolamentos Tipo de travamento Marca Imagem Série Estilo de caixa Serviço Parafuso de ajuste Concêntrico Excêntrico SSRP 100 Mancal eve SSRPS 100 SSF 100 Flange com quatro parafusos eve SSFS 100 SSF3 100 Flange de três parafusos eve SSF3S 100 SSF3T 100 Flange de três parafusos eve SSF3TS 100 SSF 100 Flange com dois parafusos eve SSFS 100 RUBR 100 nel isolante de borracha eve RUBRS 100 RUBRB 100 RUBRE 100 Browning S 100 Inserto com diâmetro externo cilíndrico eve SS Inserto eve S 100 R 100 Inserto eve RS 100 V 100 Inserto Intermediário VS 100 VE 100 V 00 Inserto Standard VS 00 VB 00 VE 00 V 300 Inserto Médio VS 300 VB 300 VER 00 Inserto com diâmetro externo cilíndrico Standard VER 00 G-15

16 Mancais de rolamentos Rolamentos Faixa dimensional Material da carcaça Vedação padrão Opções de vedação Polegada Métrico Nome da seção Páginas ço estampado com anel isolante de borracha - 1 G G /16 G-198 ço estampado - 1 1/ G / G-00 Contato N/ Borracha - 1 G-01 a G-0 Mancais de rolamentos N/ - 1 G-03 - G-0-1 1/ G-05 N/ - 3/16 G-06 a G-07-7/16 0 mm - 60 mm G-08 a G-11 Contato + defletor de poeira 1-3/16 G-1 a G-13 N/ - 7/16 Mancais de inserção com diâmetro externo cilíndrico G-18 G-16

17 esempenho dos rolamentos Rolamentos Sealmaster Gold Os rolamentos Sealmaster Gold apresentam um mancal de inserção com amplo sulco externo e retentor metálico com dispositivo que reduz a fricção e aumenta o volume de graxa. O inserto de aço do rolamento, tratado com óxido preto, apresenta um exclusivo pino de travamento e um sistema de escareamento que fornece um caminho direto para a lubrificação no rolamento e evita a rotação do anel externo dentro da caixa. O travamento do eixo é obtido com o parafuso de ajuste ou aro de travamento concêntrico Skwezloc. vedação de feltro com defletor de poeira oferece um bom equilíbrio entre a entrada de contaminantes e a perda e fricção da graxa GoldPlex P. ependendo de sua preferência, esses rolamentos estão disponíveis em tamanhos de eixo com medidas em polegadas e métricas, com uma ampla variedade de caixas de ferro fundido, aço estampado ou montagem em borracha, opções de vedação e lubrificação ou soluções específicas por setor, conforme ilustrado nas próximas páginas. Pino de travamento (embaixo da conexão) Chapa de identificação rebitada de classificação 10 Retentor de latão com dispositivo que reduz a fricção e aumenta o volume de graxa linhamento de ± Posição de 10 dos parafusos de ajuste polidos com diamante Vedação de feltro e defletor de poeira Vedação de feltro e defletor de poeira mplo anel endurecido e revestido com óxido preto mplo anel externo revestido com óxido preto e furo de entrada para lubrificação direta Base sólida de ferro fundido G-17

18 esempenho dos rolamentos Rolamentos Nomenclatura montadas Sealmaster Gold E NP -0 T CXU Unidades da caixa Prefixo E - Unidade de expansão Caixa* (consulte a tabela abaixo) - Vedação com parafuso de ajuste duplo Tamanho do diâmetro Polegada - ##/16 (ex. 0/16 = 1 1/ ) R para 1 1/ e reduzido apenas Métrico - Serviço padrão - ##, ## x 5 mm (ex. 05 = 5 mm) Serviço médio - 3##, ## x 5 mm (ex. 07 = 35 mm) Opção padrão T - Skwezloc ro de travamento M - Ferragens no sistema métrico (Métrico-SKWEZ ) C - Vedação de contato Opções comuns*(consulte a tabela abaixo) *Caixa Estilo de caixa Serviço do rolamento *Opções comuns FB Suporte do flange Standard C Vedação de contato de dois lábios - substituído por RT na maioria dos tamanhos MFC Cartucho do flange piloto Médio 3C Vedação de contato de três lábios - substituído por RT na maioria dos tamanhos MFP Mancal com quatro parafusos - Base alta Médio S Vedação de feltro recuada MP Mancal - Base alta Médio BF Vedação de mola - Mola para fora MSC Cartucho cilíndrico Médio CXU Manuseio de ar MSF Flange com quatro parafusos Médio RT lta contaminação MSFP Mancal com quatro parafusos - Base alta Médio Vedação de alto desempenho MSFT Flange com dois parafusos Médio I Graxa Krytox*** para temperaturas elevadas MSP Mancal com quatro parafusos - Base alta Médio S lta velocidade MST Correção da folga de fenda larga Médio T Temperatura elevada NP Mancal - Base alta Standard T Manuseio de ar com temperatura elevada NP Mancal - Base baixa Standard TC Vedação de contato para temperatura elevada RB penas inserto montado em borracha Standard O Baixo arrasto SC Cartucho cilíndrico Standard RM Manutenção reduzida SF Flange com quatro parafusos Standard SF Vedação de contato de dois lábios SFC Cartucho do flange piloto Standard U Vedação de mola - Mola para dentro SFT Flange montado em borracha Standard V Vedação de mola FKM - Mola para dentro SP Mancal - Serviço pesado Standard VS Vedação de mola FKM - Mola para fora SPM Mancal - Base alta Médio X Vedação tipo labirinto SRC Cartucho montado em borracha Standard XO rrasto extra baixo SRF Flange montado em borracha Standard SRP Mancal montado em borracha Standard ST Correção da folga de fenda larga Standard TB Mancal com base atarraxada Standard TFT Flange com dois parafusos Standard **Nem todas as configurações estão disponíveis em todos os tamanhos. ntes da seleção, consulte o engenheiro de aplicações de rolamentos quanto à seleção da opção adequada para sua aplicação e consulte as seções de engenharia quanto aos limites de velocidade. ***KRYTOX é marca comercial registrada da E.I. du Pont de Nemurs and Company. Este nome comercial, marca comercial e/ou marca comercial registrada pertencem a seu respectivo proprietário e não são propriedade da Power Transmission Solutions nem controlados por ela. G-18

19 esempenho dos rolamentos Nomenclatura montadas Sealmaster Gold Insertos R T - RT Prefixo R - nel de expansão padrão Rolamento - Serviço padrão em polegadas 3 - Serviço médio em polegadas 5 - Serviço padrão em sistema métrico 53 - Serviço médio em sistema métrico Tamanho do diâmetro Polegada - Primeiro dígito - Número de polegadas Segundo e terceiro dígito - Número de 1/16 de polegadas (ex. 15 = 15/16 ) Sistema métrico - ## x 5 mm (05 = 5 mm) Opção padrão C - Vedação de contato - Parafuso de ajuste duplo T - ro de travamento Skwezloc M - Ferragens no sistema métrico (Métrico-SKWEZ ) Opções comuns*(consulte a tabela abaixo) *Opções comuns C Vedação de contato de dois lábios - substituído por RT na maioria dos tamanhos O Baixo arrasto 3C Vedação de contato de três lábios - substituído por RT na maioria dos tamanhos M S Vedação de feltro recuada RM Manutenção reduzida BF Vedação de mola - Mola para fora SF Ferragens no sistema métrico (Métrico-SKWEZ apenas) Vedação de contato de dois lábios e temperatura elevada RT lta contaminação U Vedação de mola - Mola para dentro Vedação de alto desempenho V Vedação de mola FKM - Mola para dentro I Graxa Krytox** para temperaturas elevadas VS Vedação de mola FKM - Mola para fora S lta velocidade X Vedação tipo labirinto T Temperatura elevada XO rrasto extra baixo TC Vedação de contato para temperatura elevada G-19 *Observação: as configurações não estão disponíveis em todos os tamanhos ou em todos os estilos de caixa. Consulte as tabelas de produtos, seções de opções e seções de engenharia para obter mais detalhes ou consulte um engenheiro de aplicações de rolamentos. **KRYTOX é marca comercial registrada da E.I. du Pont de Nemurs and Company. Este nome comercial, marca comercial e/ou marca comercial registrada pertencem a seu respectivo proprietário e não são propriedade da Power Transmission Solutions nem controlados por ela.

20 esempenho dos rolamentos Rolamentos Nomenclatura montadas Sealmaster Gold Especiais Prefixo S - Conjunto da caixa SK - Inserto do rolamento Número sequencial SK - #### Estruturas de correção de folga NPG - 0T - 18 Projeto da estrutura NPG - Estrutura de correção de folga com montagem superior, Rolamento série NP SPG - Estrutura de correção de folga com montagem superior, Rolamento série SP ST - Estrutura de correção de folga com acionamento central, Rolamento série ST MST - Estrutura de correção de folga com acionamento central, Rolamento série MST Tamanho do diâmetro Polegada - ##/16 (ex. 0/16 = 1 1/ ) R para 1 1/ e reduzido apenas Métrico - Serviço padrão - ##, ## x 5 mm (ex. 05 = 5 mm) Serviço médio - 3##, ## x 5 mm (ex. 07 = 35 mm) Opções padrão T - ro de travamento Skwezloc C - Vedação de contato Comprimento de ajuste 6-6" 9-9" 1-1" 18-18" G-0

21 esempenho dos rolamentos mplo anel externo Sealmaster tem o mais amplo anel externo do setor. O anel externo revestido com óxido preto é 0 a 30% mais amplo que os anéis externos padrão do setor. Esse recurso tem como resultado uma maior capacidade de graxa e espaço para mais opções de vedação. Um anel externo mais amplo tem maior contato na área de superfície com a caixa para absorver melhor a carga de choques. Pino de travamento e escareamento O pino de travamento e o sistema de escareamento exclusivos da Sealmaster fornecem um caminho direto para o lubrificante em direção à cavidade do rolamento e ao caminho da esfera e não em torno da ranhura de lubrificação. O pino também evita a rotação do anel externo (às vezes chamado de deformação ) e possibilita um desalinhamento estático de ± do inserto do rolamento. Várias opções de vedação Vedação de feltro com defletor de poeira vedação de feltro padrão oferece uma vedação firme do tipo labirinto que retém a lubrificação e age como um filtro para excluir a contaminação. estampagem externa é um defletor de poeira que protege o feltro de grandes contaminantes e os direciona para longe da superfície de vedação. O modelo funciona com menos arraste e menos geração de calor que as vedações de contato de borracha. Vedação de contato de um lábio vedação de contato de um lábio consiste em uma arruela de borracha de nitrilo com cobertura de metal para proteger o lábio contra grandes contaminantes. vedação foi desenvolvida para equilibrar o arraste e a proteção em ambientes úmidos e secos. Isso pode ser especificado acrescentando-se o sufixo C ao número da peça. s outras opções de vedação podem ser encontradas na seção Seleção personalizada nas páginas G- a G-7. Vários métodos de travamento Travamento com o parafuso de ajuste O contato espaçado a 10 e equilibrado com três pontos minimiza a vibração causada pela distorção do anel, reduz o ruído e aumenta a confiabilidade. Os parafusos de ajuste polidos com diamante e fabricados com precisão contribuem para aumentar a fixação e a resistência ao recuo. ro de travamento concêntrico Skwezloc O SKWEZOC é um projeto de grampo com aro de travamento concêntrico que tem como resultado a concentricidade quase perfeita do eixo ao diâmetro do rolamento e mantém uma harmonia quase perfeita no caminho da esfera, reduzindo a corrosão por contato. Esse projeto elimina danos no eixo do travamento do parafuso de ajuste e minimiza a vibração induzida pelo rolamento, proporcionando uma operação mais suave e silenciosa. O aro tem um parafuso de cabeça TORX que resiste 1 vezes mais ao desgaste que os parafusos de cabeça sextavada. G-1

22 esempenho dos rolamentos Rolamentos (continuação) Sulco com zona endurecida Sealmaster incorpora um processo exclusivo de tratamento térmico que endurece o sulco apenas onde for necessário... sob o caminho da esfera. O sulco com zona endurecida com óxido preto tem como resultado o aumento da confiabilidade de travamento como consequência da menor distorção no local do parafuso de ajuste e do aumento da conformidade da rosca, com maior fixação e resistência ao recuo do parafuso de ajuste. Retentor com dispositivo que reduz a fricção e aumenta o volume de graxa O projeto exclusivo do retentor Sealmaster, que reduz a fricção e aumenta o volume de graxa, oferece um espaço livre superior que possibilita uma circulação de graxa de 360 em torno dos elementos rolantes, fornecendo uma lubrificação mais acumulada e utilizada. O projeto de baixa fricção e alto volume de graxa minimiza o desgaste tanto na esfera como no retentor, maximizando a estabilidade, que é especialmente importante em aplicações que envolvem vibração, carga de choque ou altas velocidades operacionais. Base sólida s bases sólidas são padrão nos mancais dos rolamentos Sealmaster. base sólida proporciona maior estabilidade, resistência a choques e vibrações e evita o empenamento da estrutura sob a base, comparada com as bases de montagem ocas e semissólidas. Fixação à caixa Todos os rolamentos são com uma fixação controlada à caixa, entre o anel externo do rolamento e o diâmetro da caixa. Essa fixação possibilita o autoalinhamento adequado do rolamento em aplicações industriais comuns. Estão disponíveis fixações especiais com base em suas necessidades específicas de aplicação. Chapa de identificação chapa de identificação de metal rebitada na caixa possibilita a fácil identificação até mesmo depois de vários anos de operação. G-

23 esempenho dos rolamentos Opções Opções de rolamentos Sealmaster Gold Os rolamentos normalmente são selecionados com o uso de cálculos de vida de fadiga 10 com base nas condições ideais de operação. No entanto, a maioria dos problemas não está relacionada à fadiga, mas ocorre devido à contaminação, falta de lubrificação ou outros problemas ambientais. Consequentemente, nossos engenheiros desenvolveram soluções personalizadas para atender aos vários níveis de gravidade, parâmetros operacionais e regularidade de manutenção, como por exemplo Manutenção reduzida e Seleção personalizada. Manutenção reduzida RM Os rolamentos Sealmaster de manutenção reduzida são o resultado de um perfil patenteado de sulco de rolamento, os apoios cônicos, onde o lubrificante crítico circula com mais eficiência e não existe exigência de intervalos regulares de serviço. Os rolamentos são fornecidos pela fábrica com um bujão em vez de um encaixe para lubrificação. superfície de apoio externo de um rolamento convencional é paralela ao eixo do anel. superfície dos apoios cônicos é afunilada em uma direção radial até o sulco do rolamento. Esta alteração sutil porém crucial no modelo possibilita que o lubrificante volte com mais facilidade para o condutor. Com a melhor circulação de lubrificante no rolamento, aumenta significativamente a vida útil deste. Essa melhoria na circulação e o aumento da vida útil acontecem sem redução na capacidade radial ou de empuxo do rolamento. * Nos rolamentos mantidos e relubrificados regularmente, não há uma diferença significativa na vida útil prevista. G-3

24 esempenho dos rolamentos Rolamentos Seleção personalizada s opções de seleção personalizada da Sealmaster estão disponíveis em tamanhos populares de eixos de ½ a 7/16 em configurações comuns de caixas. Temperatura elevada Sufixo escrição Temperatura mbiente imites de velocidade T* Temperatura elevada padrão I* Temperatura elevada com alto desempenho 00 F a 00 F (-0 F a Seco/com poeira T* Manuseio de ar com temperatura elevada 350 F) páginas G-35 a G-0 TC* Vedação de contato para temperatura elevada Umidade *Para unidades de expansão, adicione um prefixo E (exemplo: ENP-3 T). s informações sobre unidades de expansão podem ser encontradas na página G-9. Temperatura elevada T Rolamento para temperatura elevada com aumento do espaço radial para acomodar a expansão térmica dos componentes e a graxa sintética Nomex* para vedação e temperaturas elevadas. Temperatura elevada com alto desempenho I Rolamento para temperatura elevada com aumento do espaço radial para acomodar a expansão térmica dos componentes e graxa Nomex** para vedação e graxa Krytox* 6. isponível na versão de expansão em alguns tamanhos com meia-garra e fio, sufixo IY, consulte a página G-10 para obter mais informações. Manuseio de ar com temperatura elevada T Utiliza os mesmos recursos de nossa opção T para temperatura elevada com os recursos adicionais importantes no equipamento de manuseio de ar: fixação à caixa no manuseio de ar controlado, possibilitando que o rolamento seja autoalinhado quando montado em estruturas de peso leve. Procedimento de verificação de teste de ruído de dois estágios para operação silenciosa. Para temperaturas operacionais padrão, considere a opção CXU de manuseio de ar mostrada nas próximas páginas Vedação de contato para temperatura elevada TC Rolamento para temperatura elevada com aumento do espaço radial para acomodar a expansão térmica dos componentes, a fibra de vidro de silicone de um lábio ou a graxa sintética de FKM para vedação de mola e temperaturas elevadas. **NOMEX e Krytox são marcas comerciais registradas da E.I. du Pont de Nemurs and Company. Este nome comercial, marca comercial e/ou marca comercial registrada pertencem a seu respectivo proprietário e não são propriedade da Power Transmission Solutions nem controlados por ela. Observação: consulte a página G-30 para obter mais informações sobre os lubrificantes de graxas relacionados acima. G-

25 esempenho dos rolamentos Seleção personalizada (continuação) lta contaminação Sufixo escrição Temperatura mbiente imites de velocidade RT ltamente contaminada -0 F a 00 F (-0 C a 93 C) ltamente contaminada páginas G-35 a G-0 lta contaminação RT Vedação de contato para vários lábios e serviço pesado (dependendo do tamanho e da série, fornecida com vedação de dois lábios C ou de três lábios 3C ), encher 100% com graxa Sealmaster GoldPlex P. Vedação C Vedação 3C lta velocidade Sufixo escrição Temperatura mbiente imites de velocidade S lta velocidade -0 F a 00 F (-0 C a 93 C) Seco/com poeira páginas G-35 a G-0 lta velocidade S isponível apenas com aro de travamento SKWEZOC vedação de feltro recuada reduz a área de contato entre o material de vedação de feltro e o defletor de poeira de metal fixação à caixa no manuseio de ar controlado, possibilita que o rolamento seja autoalinhado quando montado em estruturas de peso leve. Maior espaço radial para acomodar a expansão térmica radial dos componentes G-5

26 esempenho dos rolamentos Rolamentos Seleção personalizada (continuação) Manuseio de ar Sufixo escrição Temperatura mbiente imites de velocidade CXU Manuseio de ar -0 F a 00 F (-0 C a 93 C) Seco/com poeira páginas G-35 a G-0 T* Manuseio de ar com temperatura elevada 00 F a 00 F (-0 F a 350 F) *Para unidades de expansão, adicione um prefixo E ao conjunto da unidade (exemplo: EMP-3 T) Manuseio de ar CXU Utiliza vários recursos iguais aos rolamentos padrão Sealmaster Gold mas projetados e fabricados para equipamento de manuseio de ar. fixação à caixa no manuseio de ar controlado, possibilita que o rolamento seja autoalinhado quando montado em estruturas de peso leve. isponível com a vedação padrão de feltro Sealmaster para redução do consumo de energia. Procedimento de verificação de teste de ruído de dois estágios para operação silenciosa. Manuseio de ar com temperatura elevada T Recursos relacionados na página G- G-6

27 esempenho dos rolamentos Seleção personalizada (continuação) Baixo arrasto Sufixo escrição Temperatura mbiente imites de velocidade O Baixo arrasto -0 F a 180 F (-0 F a 350 F) Seco/com poeira páginas G-35 a G-0 XO rrasto extra baixo -0 F a 100 F (-0 F a 350 F) Baixo arraste O Corte na vedação de feltro para reduzir o arraste Oferece excelente barreira que funciona para reter graxa e age como um filtro para reduzir a entrada de contaminantes de detritos. presenta uma graxa de canalização que reduz o arraste e lubrifica o rolamento Uma fixação reduzida à caixa que possibilita que o rolamento seja autoalinhado em estruturas de peso leve rraste extra baixo XO Vedação de feltro cortada e embebida em óleo para arraste extra baixo ubrificada com óleo e fornecida com um adaptador e bujão para facilitar a relubrificação em campo Uma fixação reduzida à caixa que possibilita que o rolamento seja autoalinhado em estruturas de peso leve Torque rotacional do rolamento - Quadro comparativo Opções de rolamento de arraste O rraste do rolamento padrão (Referência) Empresa Opção de sufixo Tipo de vedação ubrificação MI FS Não contato Óleo Sealmaster XO Feltro de baixo arraste Óleo MB FF Tipo labirinto, de aço Óleo Peer ZSFF Tipo labirinto, de aço Óleo Sealmaster O Feltro de baixo arraste Graxa MB MFF Tipo labirinto, de aço Graxa FY SK3 Não contato Óleo Peer ZMKFF Tipo labirinto, de aço Graxa Sealmaster - Feltro Graxa Sealmaster C Contato Graxa MI - FS Sealmaster - XO MB - FF Peer- - ZSFF Sealmaster - O MB -- MFF FY -- SK3 Peer -- ZMKFF Sealmaster - Feltro - Sealmaster -- Contact Contato pol.-onças in-ozs Based Com base on 1 em 1 G-7 * Os seguintes nomes comerciais, marcas comerciais e/ou registradas são usados neste material pela Emerson apenas para fins de comparação e NÃO pertencem à Emerson nem são controlados por ela e acredita-se que pertençam às seguintes partes: odge: Baldor Electric Company; MI: sahi Tec Corp. of japan; MB: Rexnord Industries, inc.; Peer: Peer Bearing Company; FY: Nippon Pillow Block Co., td.fafnir: Timken US Corporation. Emerson não garante nem representa a precisão destas informações.

EVERYWHERE YOU TURN TM

EVERYWHERE YOU TURN TM EVERYWHERE YOU TURN Proposta de valor Vida útil prolongada* Lubrificação em áreas múltiplas Recurso dinâmico de alinhamento Livre de manutenção sem necessidade de relubrificação diária Economize tempo

Leia mais

Mancais para Rolamentos de Fixação Rápida

Mancais para Rolamentos de Fixação Rápida Mancais para Rolamentos de Fixação Rápida A Competência é Nossa - A Vantagem é Sua Aplicações Qualidade para Todos os Casos: Rolamentos de Fixação Rápida na Indústria Os rolamentos de fixação rápida estão

Leia mais

ROS TIO ION R SOLU ESISTANT ENGINEERED K-1

ROS TIO ION R SOLU ESISTANT ENGINEERED K-1 CORROSION RESISTANT ENGINEERED SOLUTIONS K-1 Os rolamentos (Corrosion Resistant Engineered Solutions, soluções de engenharia com resistência à corrosão) atendem a vários setores e aplicações, fornecendo

Leia mais

Classificação e Características dos Rolamentos

Classificação e Características dos Rolamentos Classificação e Características dos 1. Classificação e Características dos 1.1 dos rolamentos A maioria dos rolamentos é constituída de anéis com pistas (um anel e um anel ), corpos rolantes (tanto esferas

Leia mais

Mancais para rolamentos de fixação rápida. A competência é nossa A vantagem é sua

Mancais para rolamentos de fixação rápida. A competência é nossa A vantagem é sua Mancais para rolamentos de fixação rápida A competência é nossa A vantagem é sua A p l i c a ç õ e s Qualidade para todos casos: Rolamentos de fixação rápida na indústria Os rolamentos de fixação rápida

Leia mais

Rolamentos para Siderurgia Guia de Produtos

Rolamentos para Siderurgia Guia de Produtos Rolamentos para Siderurgia Guia de Produtos CAT. No. 9211 P NTN NTN Produtos que trazem benefícios em várias aplicações Equipamentos de siderurgia pertencem a grandes linhas que operam 24 horas por dia,

Leia mais

Quando há necessidade de vedação máxima.

Quando há necessidade de vedação máxima. Quando há necessidade de vedação máxima. Intelligent Drivesystems, Worldwide Services BR PT Sistemas de vedação para todos os requisitos NORD Partners in motion Parceiros em movimento Quando há necessidade

Leia mais

Elementos de Máquinas

Elementos de Máquinas Professor: Leonardo Leódido Sumário Buchas Guias Mancais de Deslizamento e Rolamento Buchas Redução de Atrito Anel metálico entre eixos e rodas Eixo desliza dentro da bucha, deve-se utilizar lubrificação.

Leia mais

BOLETIM 222.1 Fevereiro de 2002. Bombas Goulds Modelos 5150/VJC cantiléver verticais de sucção inferior. Goulds Pumps

BOLETIM 222.1 Fevereiro de 2002. Bombas Goulds Modelos 5150/VJC cantiléver verticais de sucção inferior. Goulds Pumps BOLETIM 222.1 Fevereiro de 2002 Bombas Goulds Modelos 5150/VJC cantiléver verticais de sucção inferior Goulds Pumps Goulds Modelos 5150/VJC Bombas cantiléver verticais Projetadas para lidar com lamas corrosivas

Leia mais

Unidades de rolamentos PEER resistentes à corrosão

Unidades de rolamentos PEER resistentes à corrosão Unidades de rolamentos PEER resistentes à corrosão Resistente à corrosão Unidades em aço inoxidável... A melhor opção para condições extremas com cargas mais pesadas. Mesmo sob as mais difíceis condições

Leia mais

Fuso de esferas de precisão/eixo estriado

Fuso de esferas de precisão/eixo estriado 58-2BR s BNS-A, BNS, NS-A e NS Vedação Anel externo Placa para calços Vedação Castanha do eixo estriado Eixo Vedação Colar Placa para calços Vedação Bujão terminal Esfera Anel externo Castanha do fuso

Leia mais

Vedações. www.fcm.ind.br VE-001-VED. Copyright FCM 2001

Vedações. www.fcm.ind.br VE-001-VED. Copyright FCM 2001 Catálogo Eletrônico VE-001-VED www.fcm.ind.br Vedações Copyright FCM 2001 O conteúdo deste catálogo é de propriedade da empresa FCM - Fábrica de Mancais Curitiba Ltda., sendo proibida a reprodução parcial

Leia mais

Dimensões 01深溝玉.indd 138 01深溝玉.indd 138 2007/08/22 16:27:39 2007/08/22 16:27:39

Dimensões 01深溝玉.indd 138 01深溝玉.indd 138 2007/08/22 16:27:39 2007/08/22 16:27:39 Dimensões Rolamento Fixo de Esferas Precisão Página 52 Folga interna Página 64 Dimensões de anel de retenção Página 45 Devido à sua versatilidade, o Rolamento Fixo de Esferas de Uma Carreira é o tipo

Leia mais

ELEMENTOS DE VEDAÇÃO. Treinamento. Antenor Vicente

ELEMENTOS DE VEDAÇÃO. Treinamento. Antenor Vicente ELEMENTOS DE VEDAÇÃO Treinamento Antenor Vicente VEDAÇÃO PROCESSO USADO PARA IMPEDIR A PASSAGEM, DE MANEIRA ESTÁTICA OU DINÂMICA DE LÍQUIDOS, GASES E SÓLIDOS DE UM MEIO PARA OUTRO JUNTAS JUNTA É TODO MATERIAL

Leia mais

Fábrica de Mancais Curitiba Ltda

Fábrica de Mancais Curitiba Ltda Caixas SNH e SN30 Fábrica de Mancais Curitiba Ltda SNH As caixas de rolamentos com base SNH foram projetadas para possibilitar maior flexibilidade na escolha do rolamento, vedação e lubrificação. Foram

Leia mais

Intelligent Drivesystems, Worldwide Services. Redutores industriais DRIVESYSTEMS. Sistema modular para maior flexibilidade

Intelligent Drivesystems, Worldwide Services. Redutores industriais DRIVESYSTEMS. Sistema modular para maior flexibilidade Intelligent Drivesystems, Worldwide Services BR PT Sistema modular para maior flexibilidade NORD Intelligent Drivesystems, Worldwide Services As vantagens dos redutores industriais NORD n Maior precisão

Leia mais

Aeroespacial e especial M-1

Aeroespacial e especial M-1 M-1 Rolamentos aeroespaciais, especiais e específicos por setor Os rolamentos aeroespaciais e especiais foram desenvolvidos para atender aos requisitos industriais exclusivos do setor aeroespacial. Com

Leia mais

ÍNDICE 1. ROTEIRO PARA SELEÇÃO DE ROLAMENTOS...2

ÍNDICE 1. ROTEIRO PARA SELEÇÃO DE ROLAMENTOS...2 ÍNDICE 1. ROTEIRO PARA SELEÇÃO DE ROLAMENTOS...2 1.1. NÚMERO DE IDENTIFICAÇÃO DO ROLAMENTO.... 2 1.1.1. Séries Dimensionais:... 2 1.1.2. Símbolos das Séries de Rolamentos... 2 1.1.3. Símbolos de Furo...

Leia mais

- Cilindro Pneumático ISO

- Cilindro Pneumático ISO de Instalação, Operação e Manutenção Janeiro 2000 - ISO Série P1E (Tubo Perfilado) 32 a 100 mm Índice Introdução... 1 Características Técnicas... 1 Características Construtivas... 1 Instalação... 2 Manutenção...

Leia mais

VENTILADOR INDUSTRIAL

VENTILADOR INDUSTRIAL VENTILADOR INDUSTRIAL UM A M ARC A DO GRUPO ESPIRODUTOS DESCRIÇÃO E NOMENCLATURA VENTILADORES INDUSTRIAIS Diâmetro Fabricação Aspiração Rotor Empresa Ex: E L D I 560 Diâmetro da seleção Tipo de Fabricação

Leia mais

Fuso de esferas de precisão com pontas de eixo retificadas

Fuso de esferas de precisão com pontas de eixo retificadas 58-2BR Modelo BNK padrão de estoque Diagrama de seleção Opcionais Codificação Precauções de uso cessórios para lubrificação Procedimento de montagem e manutenção B Precisão do ângulo de avanço Precisão

Leia mais

Caixas para rolamentos e

Caixas para rolamentos e Caixas para rolamentos e acessórios Série SNN e Série SD NSK, sua provedora de soluções Os números e sua história comprovam o sucesso A NSK é uma das líderes mundiais na fabricação de rolamentos: com 62

Leia mais

PLACAS PARA TORNOS E CENTROS DE TORNEAMENTO

PLACAS PARA TORNOS E CENTROS DE TORNEAMENTO PLACAS PARA TORNOS E CENTROS DE TORNEAMENTO Sumário 1. Informações gerais 3 2. Características técnicas das Placas Pneumáticas PPU 3 3. Instruções de montagem, operação e manutenção 7 3.1. Montagem 7 3.1.1.

Leia mais

Goulds 3640. API-610 10ª edição/iso 13709 API BB2 de dois estágios dividida radialmente entre rolamentos

Goulds 3640. API-610 10ª edição/iso 13709 API BB2 de dois estágios dividida radialmente entre rolamentos API-610 10ª edição/iso 13709 API BB2 de dois estágios dividida radialmente entre rolamentos Goulds Pumps Uma empresa líder em soluções de pacotes de bombas projetadas segundo normas do API Liderança comprovada

Leia mais

Industry. Rolamentos SNR : uma garantia para a sua safra sucro-alcooleira

Industry. Rolamentos SNR : uma garantia para a sua safra sucro-alcooleira Industry Rolamentos SNR : uma garantia para a sua safra sucro-alcooleira O açúcar cristaliza os problemas mecânicos: A SNR reage a eles Hoje, ao diversificar os produtos, sabores e texturas, o mundo do

Leia mais

Válvulas de esfera Série 7C

Válvulas de esfera Série 7C Estimado para 6000 psi Válvulas de esfera Série 7C Múltiplos tamanhos de conexão Baixo torque de operação Segurança. Integridade. Confiabilidade. HOKE Válvula de esfera Série 7C A Válvula de esfera da

Leia mais

Vedação => TC. Vedação => TA. Vedação => TG. Vedação => TS

Vedação => TC. Vedação => TA. Vedação => TG. Vedação => TS Montagem das caixas SNHL Vedação => TC Vedação => TA Vedação => TG Vedação => TS Burger S/A Industria e Comércio Técnica/di 15/05/2009 66 Vedação TC Vedadores de Feltro TC Os vedadores são constituídos

Leia mais

Megabloc Manual Técnico

Megabloc Manual Técnico Bomba Padronizada Monobloco Manual Técnico Ficha técnica Manual Técnico Todos os direitos reservados. Os conteúdos não podem ser divulgados, reproduzidos, editados nem transmitidos a terceiros sem autorização

Leia mais

Caixas SNH. www.fcm.ind.br VE-001-SNH. Copyright FCM 2001

Caixas SNH. www.fcm.ind.br VE-001-SNH. Copyright FCM 2001 Catálogo Eletrônico VE-001-SNH www.fcm.ind.br Caixas SNH Copyright FCM 2001 O conteúdo deste catálogo é de propriedade da empresa FCM - Fábrica de Mancais Curitiba Ltda., sendo proibida a reprodução parcial

Leia mais

Soluções de rolamentos para equipamentos de paisagismo e jardinagem. Com a tecnologia TM AG TREME

Soluções de rolamentos para equipamentos de paisagismo e jardinagem. Com a tecnologia TM AG TREME TURF Soluções de rolamentos para equipamentos de paisagismo e jardinagem Com a tecnologia AG Rolamentos robustos que superam as expectativas A contaminação é a principal causa de falhas prematuras dos

Leia mais

kymanual ou automática a escolha é sua

kymanual ou automática a escolha é sua . kymanual ou automática a escolha é sua Válvula borboleta LKB automática ou manual Aplicação ALKBéumaválvulaborboletasanitáriaacionadamanualou automaticamente para uso em sistemas com tubulações em aço

Leia mais

Bombas Submersas. 1. Aplicação. 2. Dados de operação das bombas submersas. 3. Construção / projeto. Denominação UPD, BPD e BPH (exemplo)

Bombas Submersas. 1. Aplicação. 2. Dados de operação das bombas submersas. 3. Construção / projeto. Denominação UPD, BPD e BPH (exemplo) Manual Técnico A3405.0P Bombas Submersas 1. Aplicação É recomendada para o abastecimento de água limpa ou levemente contaminada, abastecimento de água em geral, irrigação e sistemas de aspersão pressurizados

Leia mais

GVS GABINETES DE VENTILAÇÃO TIPO SIROCCO

GVS GABINETES DE VENTILAÇÃO TIPO SIROCCO GABINETES DE VENTILAÇÃO TIPO SIROCCO CARACTERÍSTICAS CONSTRUTIVAS INTRODUÇÃO Os gabinetes de ventilação da linha são equipados com ventiladores de pás curvadas para frente (tipo "sirocco"), de dupla aspiração

Leia mais

Bombas Goulds Modelo 3316 de dois estágios, com carcaça dividida horizontalmente

Bombas Goulds Modelo 3316 de dois estágios, com carcaça dividida horizontalmente BOLETIM 7.6 Fevereiro de 00 Bombas Goulds Modelo 6 de dois estágios, com carcaça dividida horizontalmente Goulds Pumps ITT Industries Goulds Modelo 6 Bombas de dois estágios com carcaça dividida horizontalmente

Leia mais

Qu e f a z j u s a o s e u n o m e

Qu e f a z j u s a o s e u n o m e Ma n c a i s Co m p l e t o s ISN Do d g e Ma n c a i s Completos ISN DODGE Conjuntos Montados com Rolamentos Autocompensadores de Rolos Qu e f a z j u s a o s e u n o m e Há mais de 125 anos, a marca

Leia mais

Série: FBME MANUAL TÉCNICO BOMBA CENTRÍFUGA MULTIESTÁGIO FBME. Aplicação

Série: FBME MANUAL TÉCNICO BOMBA CENTRÍFUGA MULTIESTÁGIO FBME. Aplicação MANUAL TÉCNICO Série: FBME Aplicação Desenvolvida para trabalhar com líquidos limpos ou turvos, em inúmeras aplicações, tais como indústrias químicas, petroquímicas, papel, polpa, siderúrgica, mineração,

Leia mais

Transformando energia em soluções. Motores de. Alta Tensão

Transformando energia em soluções. Motores de. Alta Tensão Transformando energia em soluções Motores de Alta Tensão Motores de alta tensão A WEG desenvolveu em conjunto com consultoria internacional especializada uma linha de motores de carcaça de ferro fundido

Leia mais

Mancais. TECNÓLOGO EM MECATRÔNICA Elementos de Máquinas. Professor: André Kühl andre.kuhl@ifsc.edu.br

Mancais. TECNÓLOGO EM MECATRÔNICA Elementos de Máquinas. Professor: André Kühl andre.kuhl@ifsc.edu.br Mancais TECNÓLOGO EM MECATRÔNICA Elementos de Máquinas Professor: André Kühl andre.kuhl@ifsc.edu.br Introdução à Mancais O mancal pode ser definido como suporte ou guia em que se apóia o eixo; No ponto

Leia mais

Eixos e correntes. Como o mecânico de manutenção deverá proceder para reparar os defeitos citados acima?

Eixos e correntes. Como o mecânico de manutenção deverá proceder para reparar os defeitos citados acima? Eixos e correntes A UU L AL A Uma máquina em processo de manutenção preventiva apresentava vários eixos e algumas correntes, além de mancais que necessitavam de reparos. Entre os eixos, um cônico e um

Leia mais

SUPORTE LATERAL componentes. VARANDA componentes. SUPORTE LATERAL componentes. Tel: 55 11 4177-2244 plasnec@plasnec.com.br l www.plasnec.com.

SUPORTE LATERAL componentes. VARANDA componentes. SUPORTE LATERAL componentes. Tel: 55 11 4177-2244 plasnec@plasnec.com.br l www.plasnec.com. VARANDA 5 6 9 SUPORTE LATERAL 12 4 7 10 8 Código: 17010101 Descrição: Conjunto suporte lateral regulável Ø 13mm: 1 - Manopla - PA rosca M10 SS 304 2 - Arruela - M12 24mm SS 304 3 - Olhal - M10 PA M10 SS

Leia mais

Alimentação de Caldeiras Alcooldutos Pipe Line. Bomba Multestágio Bipartida Axialmente. Soluções em Bombeamento

Alimentação de Caldeiras Alcooldutos Pipe Line. Bomba Multestágio Bipartida Axialmente. Soluções em Bombeamento Linha Alimentação de Caldeiras Alcooldutos Pipe Line Bomba Multestágio Bipartida Axialmente Soluções em Bombeamento Soluções em Bombeamento A IMBIL amplia sua linha de bombas engenheradas, disponibilizando

Leia mais

Mandrilamento. determinado pela operação a ser realizada. A figura a seguir mostra um exemplo de barra de mandrilar, também chamada de mandril.

Mandrilamento. determinado pela operação a ser realizada. A figura a seguir mostra um exemplo de barra de mandrilar, também chamada de mandril. A UU L AL A Mandrilamento Nesta aula, você vai tomar contato com o processo de mandrilamento. Conhecerá os tipos de mandrilamento, as ferramentas de mandrilar e as características e funções das mandriladoras.

Leia mais

Linha Industrial. Soluções Rexnord ÍNDICE. Soluções em Acoplamentos. Acoplamentos Omega Acoplamentos Omega HSU. Correntes de Engenharia

Linha Industrial. Soluções Rexnord ÍNDICE. Soluções em Acoplamentos. Acoplamentos Omega Acoplamentos Omega HSU. Correntes de Engenharia www.rexnord.com.br vendassl@rexnord.com.br Soluções Rexnord Linha Industrial ÍNDICE Soluções em Acoplamentos Acoplamentos Omega Acoplamentos Omega HSU Correntes de Engenharia Pronto atendimento Rexnord:

Leia mais

MANUAL DE INSTALAÇÃO E MANUTENÇÃO MOTORES ELÉTRICOS DE INDUÇÃO TRIFÁSICOS DE ALTA E BAIXA TENSÃO

MANUAL DE INSTALAÇÃO E MANUTENÇÃO MOTORES ELÉTRICOS DE INDUÇÃO TRIFÁSICOS DE ALTA E BAIXA TENSÃO MANUAL DE INSTALAÇÃO E MANUTENÇÃO MOTORES ELÉTRICOS DE INDUÇÃO TRIFÁSICOS DE ALTA E BAIXA TENSÃO PREFÁCIO O motor elétrico! WEG INDUSTRIAS S.A. - MÁQUINAS ---- IMPORTANTE ---- LEIA ATENTAMENTE AS INSTRUÇÕES

Leia mais

Composição de uma ferramenta elétrica

Composição de uma ferramenta elétrica ABC das Ferramentas (módulo II) Composição de uma ferramenta elétrica As ferramentas elétricas convencionais ou a bateria são compostas por 3 (três) partes básicas que são: 1. Estrutural Constituem a parte

Leia mais

UM A M ARC A DO GRUPO ESPIRODUTOS

UM A M ARC A DO GRUPO ESPIRODUTOS VENTILADORES AXIAL UM A M ARC A DO GRUPO ESPIRODUTOS DESCRIÇÃO E NOMENCLATURA DE VENTILADORES AXIAL Diâmetro Fabricação Aspiração Rotor Empresa Ex: EAFN 500 Diâmetro da seleção Tipo de Fabricação G = Gabinete

Leia mais

Caixas de junção de poliéster reforçado com fibra de vidro vazias, pré-furadas e não furadas Série NJBEP Segurança Aumentada.

Caixas de junção de poliéster reforçado com fibra de vidro vazias, pré-furadas e não furadas Série NJBEP Segurança Aumentada. não furadas Série NJEP Segurança umentada. Para customização NR IEC: plicações Projetadas para áreas de Zona 1 ou 2, onde gases ou vapores in amáveis estão presentes de forma contínua, frequente ou acidental,

Leia mais

BOMBA DE ENGRENAGENS EXTERNAS FBE

BOMBA DE ENGRENAGENS EXTERNAS FBE MANUAL TÉCNICO Série: FBE Aplicação Desenvolvida para trabalhar com fluidos viscosos, em inúmeras aplicações, tais como indústrias químicas, petroquímicas, papel, polpa, siderúrgica, mineração, alimentícia,

Leia mais

Selecione o tipo de rolamento e configuração. Limitações dimensionais

Selecione o tipo de rolamento e configuração. Limitações dimensionais Seleção do 2. Seleção do Os s e de estão disponíveis numa variedade de tipos, formas e dimensões. Quando se faz a correta seleção do para a sua aplicação, é importante considerar diversos fatores, e analisar

Leia mais

Bomba Submersível para Instalação em Poço Úmido. 1. Aplicação. 3. Denominação. 2. Descrição Geral. 4. Dados de Operação. Linha : Submersível

Bomba Submersível para Instalação em Poço Úmido. 1. Aplicação. 3. Denominação. 2. Descrição Geral. 4. Dados de Operação. Linha : Submersível Folheto Descritivo A2750.1P/1 KSB KRT DRAINER Bomba Submersível para Instalação em Poço Úmido Linha : Submersível 1. Aplicação A bomba submersível KRT DRAINER é recomendada para aplicação em drenagem de

Leia mais

Rolamentos de rolos cônicos

Rolamentos de rolos cônicos Rolamentos de rolos cônicos Rolamentos de rolos cônicos 314 Definições e aptidões 314 Séries 315 Variantes 315 Tolerâncias e jogos 316 Elementos de cálculo 318 Elementos de montagem 320 Prefixos e sufixos

Leia mais

VENTILADORES LIMIT LOAD

VENTILADORES LIMIT LOAD VENTILADORES LIMIT LOAD UM A M ARC A DO GRUPO ESPIRODUTOS DESCRIÇÃO E NOMENCLATURA VENTILADORES LIMIT LOAD Diâmetro Fabricação Aspiração Rotor Empresa Ex: ELSC 560 Diâmetro da seleção Tipo de Fabricação

Leia mais

AJUSTADORES AUTOMÁTICOS DE FREIO JUNHO 2012

AJUSTADORES AUTOMÁTICOS DE FREIO JUNHO 2012 AJUSTADORES AUTOMÁTICOS DE FREIO JUNHO 2012 Conheça o funcionamento, diagnóstico e reparo do ajustador de freio automático, um componente primordial para segurança, aplicado em veículos pesados. Que a

Leia mais

Mancais de Pillow Block de Montagem Direta DODGE USAF 200/300

Mancais de Pillow Block de Montagem Direta DODGE USAF 200/300 Mancais de Pillow Block de Montagem Direta DODGE USAF 200/300 Estas instruções devem ser integralmente lidas antes da instalação ou operação. ATENÇÃO: Para garantir que a unidade não comece a girar acidentalmente,

Leia mais

Garantia e Assistência Técnica

Garantia e Assistência Técnica Garantia e Assistência Técnica Garantia A garantia BRM cobre apenas os produtos com a sua marca, desde que os mesmos sejam montados pela sua unidade fabril, estejam corretamente dimensionados quanto à

Leia mais

CONJUNTOS DE FACAS DE AR WINDJET

CONJUNTOS DE FACAS DE AR WINDJET CONJUNTOS DE FACAS WINDJET CONJUNTO DE FACAS WINDJET SOPRADORES CONJUNTOS DE FACAS WINDJET SUMÁRIO Página Visão geral dos pacotes de facas de ar Windjet 4 Soprador Regenerativo 4 Facas de ar Windjet 4

Leia mais

INDÚSTRIA BRASILEIRA. Manual de Rolamentos e Mancais Monoblocos Autocompensadores

INDÚSTRIA BRASILEIRA. Manual de Rolamentos e Mancais Monoblocos Autocompensadores R INDÚSTRIA BRASILEIRA Manual de Rolamentos e Mancais Monoblocos Autocompensadores Histórico A empresa foi fundada em 23 de setembro de 1962, na cidade de São Paulo, cujo objetivo social era importação

Leia mais

Instruções de Montagem / Operação / Manutenção. Porta de Explosão

Instruções de Montagem / Operação / Manutenção. Porta de Explosão Intensiv-Filter do Brasil Ltda. Av. Água Fria, 648 - Sala 01 CEP 02332.000 - Santana - São Paulo - Brasil Fone: +55 11 6973-2041 / Fax: +55 11 6283 6262 e-mail: intensiv@intensiv-filter.com.br Instruções

Leia mais

Chaves posicionadoras eletromecânicas múltiplas e simples

Chaves posicionadoras eletromecânicas múltiplas e simples e Conteúdo. 00 conf. DIN 43697.4 6.6 6.8 7.0 46. 40 eletromecânicas.4 F 60 conf. DIN 43693.6 99 00 s s múltiplas 00 6 6 7 46 40 s s F 60 99 00 Acessórios Peças de reposição. múltiplas conf. DIN 43697 para

Leia mais

Selo diafragma com conexão flangeada Com diafragma faceado ao processo Modelo 990.27

Selo diafragma com conexão flangeada Com diafragma faceado ao processo Modelo 990.27 Selo diafragma Selo diafragma com conexão flangeada Com diafragma faceado ao processo Modelo 990.27 WIKA Folha técnica DS 99.27 Outras aprovações veja página 3 Aplicações Indústria de processos químicos

Leia mais

EXUSTOR LOCL TERFU Exaustor local com juntas de fricção para locais de trabalho onde é exigida grande flexibilidade. TERFU é um exaustor local com juntas de fricção projetado para uso em locais de trabalho

Leia mais

TRANSPORTADORES DE CORREIA

TRANSPORTADORES DE CORREIA 1. DESCRIÇÃO Os Transportadores de correia é a solução ideal para o transporte de materiais sólidos a baixo custo. Sua construção é compacta e com excelente desempenho funcional. Sua manutenção é simples

Leia mais

Introdução. elementos de apoio

Introdução. elementos de apoio Introdução aos elementos de apoio A UU L AL A Esta aula - Introdução aos elementos de apoio - inicia a segunda parte deste primeiro livro que compõe o módulo Elementos de máquinas. De modo geral, os elementos

Leia mais

ACOPLAMENTOS DE TAMBOR

ACOPLAMENTOS DE TAMBOR ACOPLAMENTOS DE TAMBOR T H E O R I G I N A L Série ÍNDICE Aplicação 3-4 Projeto e características 5 Seleção de tamanho 6-7 Tabela de dimensões dos 8 Conexão do acoplamento / tambor do cabo 9 Conexões do

Leia mais

Transmissão de Movimento

Transmissão de Movimento Universidade Estadual do Norte Fluminense Centro de Ciências e Tecnologias Agropecuárias Laboratório de Engenharia Agrícola EAG 03204 Mecânica Aplicada * Transmissão de Movimento 1. Introdução A transmissão

Leia mais

Bomba Multiestágio de Média Pressão MBN

Bomba Multiestágio de Média Pressão MBN Bomba Multiestágio de Média Pressão MBN Principais Aplicações Com um design modular, as bombas MBN são bombas horizontais segmentadas e bipartidas radialmente. São recomendadas para o bombeamento de líquidos

Leia mais

Mancais de rolamento I

Mancais de rolamento I A UU L AL A Mancais de rolamento I Um mecânico de manutenção, ao iniciar a desmontagem de um conjunto mecânico, constatou a existência de uma série de rolamentos. Examinando os rolamentos, verificou que

Leia mais

Rolamentos para Mineração Lucrativa

Rolamentos para Mineração Lucrativa Rolamentos para Mineração Lucrativa O fabricante Número Um de rolamentos bipartidos Rolamentos para Mineração Lucrativa CARACTERÍSTICAS E BENEFÍCIOS DOS ROLAMENTOS COOPERBEARINGS Rolamentos bipartidos

Leia mais

Instruções de montagem

Instruções de montagem Instruções de montagem Indicações importantes relativas às instruções de montagem VOSS O desempenho e a segurança mais elevados possíveis no funcionamento dos produtos VOSS só serão obtidos se forem cumpridas

Leia mais

MANUAL DE INSTRUÇÕES

MANUAL DE INSTRUÇÕES MANUAL DE INSTRUÇÕES Barramento Elétrico Blindado KSL70 STEMMANN INDÚSTRIA E COMÉRCIO LTDA. Avenida Stemmann N 204 Bairro Tanque Porto Feliz SP Brasil 18540-000 Fone 55 15 3261-9190 Fax 55 15 3261-9191

Leia mais

dmtech Booster Amplificador de Volume Descrição Características

dmtech Booster Amplificador de Volume Descrição Características Booster Amplificador de Volume Descrição O Booster - Amplificador de volume - tem como função reproduzir sinais pneumáticos com aumento da capacidade de vazão. É utilizado quando a tubulação entre o instrumento

Leia mais

FS TR-Line. Sumário. Vantagens e Características Opcionais... 3. Diretrizes para Determinação do Tamanho e Série... 3

FS TR-Line. Sumário. Vantagens e Características Opcionais... 3. Diretrizes para Determinação do Tamanho e Série... 3 Sumário Vantagens e Características Opcionais... 3 Diretrizes para Determinação do Tamanho e Série... 3 Cálculo de Seleção do Redutor pelo Torque de Saída... 4 Determinação do Tamanho do Redutor... 5 Formação

Leia mais

- Válvulas com Flange -

- Válvulas com Flange - Procedimentos de Montagem e Manutenção - Válvulas com Flange - Para Sistemas de Vapor, Óleo Térmico e Outros Processos Industriais. Em uma instalação industrial de aquecimento, devem ser previstas facilidades

Leia mais

V Á L V U L A S. MANIFOLD Série 2700 LAMINADO

V Á L V U L A S. MANIFOLD Série 2700 LAMINADO V Á L V U L A S MANIFOLD Série 2700 LAMINADO Índice Informações gerais... 02 Manifold de 2 vias... 04 Manifold de 3 vias... 09 Manifold de 5 vias... 12 Suporte... 15 1 As modernas válvulas Manifold Série

Leia mais

NSK Bearing Doctor. Diagnóstico Rápido de Ocorrências em Rolamentos. Obtenha a máxima performance. Diagnóstico Rápido de Falhas de Rolamentos

NSK Bearing Doctor. Diagnóstico Rápido de Ocorrências em Rolamentos. Obtenha a máxima performance. Diagnóstico Rápido de Falhas de Rolamentos NSK Bearing Doctor Diagnóstico Rápido de s em Rolamentos Diagnóstico Rápido de Falhas de Rolamentos Obtenha a máxima performance. Este catálogo contém informações sobre o correto manuseio de rolamentos,

Leia mais

Buchas. Não se sabe quem inventou a roda. Supõe-se. Bucha

Buchas. Não se sabe quem inventou a roda. Supõe-se. Bucha A U A UL LA Buchas Introdução Não se sabe quem inventou a roda. Supõe-se que a primeira roda tenha sido um tronco cortado em sentido transversal. Com a invenção da roda, surgiu, logo depois, o eixo. O

Leia mais

Rolamentos e Serviços para o Mercado de Açúcar e Etanol

Rolamentos e Serviços para o Mercado de Açúcar e Etanol Rolamentos e Serviços para o Mercado de Açúcar e Etanol Rolamentos para Todas as Necessidades da Sua Usina A Solução Perfeita para Qualquer Aplicação Com suas duas fortes marcas, INA e FAG, a qualidade

Leia mais

CONEXÕES SISTEMAS DA QUALIDADE E AMBIENTAL CERTIFICADOS CONFORME ISO 9001:2000, ISO/TS 16949:2002 E ISO 14001:2004

CONEXÕES SISTEMAS DA QUALIDADE E AMBIENTAL CERTIFICADOS CONFORME ISO 9001:2000, ISO/TS 16949:2002 E ISO 14001:2004 ONEXÕES SISTEMS D QULIDDE E MIENTL ERTIFIDOS ONFORME ISO 9001:2000, ISO/TS 16949:2002 E ISO 14001:2004 ONEXÕES DPTUDO onexões e adaptadores para uso geral na indústria, usados para interligar outras peças

Leia mais

Seção 9 PISTÕES - ANÉIS - BIELAS

Seção 9 PISTÕES - ANÉIS - BIELAS Seção 9 PISTÕES - ANÉIS - BIELAS Índice da seção Página Bielas Montagem da biela no pistão... 4 Verificação Instalação... 7 Remoção Torque... 8 Pistões Montagem do pistão na biela... 4 Verificação do desgaste

Leia mais

Caderno Técnico (Como Resolver 01) Diagnóstico e solução sobre embreagens

Caderno Técnico (Como Resolver 01) Diagnóstico e solução sobre embreagens Caderno Técnico (Como Resolver 01) Diagnóstico e solução sobre embreagens 1 dificuldade de engate, pouco tempo após a troca da embreagem Veículos de maior incidência: KOMBI e FUSCA análise técnica: Trata-se

Leia mais

Mancais e Rolamentos BRM

Mancais e Rolamentos BRM 7 - Seleção de Rolamentos O tamanho do rolamento a ser utilizado em uma determinada aplicação é selecionado a princípio com base em sua capacidade de carga em relação às cargas a serem aplicadas e as necessidades

Leia mais

TESTE 20 TIPO SMK (M16 X

TESTE 20 TIPO SMK (M16 X Índice Testes TESTE 20 TIPO SMK (M6 X 2) Tomador de pressão SMK.......................................................................85-8 Tomadores de pressão SMK JIC e ORFS.............................................................88

Leia mais

Industry. SNC: Linha de mancais bipartidos para sua aplicação

Industry. SNC: Linha de mancais bipartidos para sua aplicação Industry SNC: Linha de mancais bipartidos para sua aplicação ÍndicePágina Geral Prefácio 2 O conceito dos mancais de rolamento SNR 3 Princípios de desenvolvimento 5 Detalhes estruturais 6 Denominações

Leia mais

Seção 9 Cilindros e protetores/reservatórios do cárter

Seção 9 Cilindros e protetores/reservatórios do cárter Seção 9 Cilindros e protetores/reservatórios do cárter Página CILINDROS... 150 Inspeção e medição... 150 Retificação de cilindros... 150 Acabamento... 151 Limpeza... 151 MANCAIS DE MOTOR... 152 Mancal

Leia mais

27 Sistemas de vedação II

27 Sistemas de vedação II A U A UL LA Sistemas de vedação II Ao examinar uma válvula de retenção, um mecânico de manutenção percebeu que ela apresentava vazamento. Qual a causa desse vazamento? Ao verificar um selo mecânico de

Leia mais

Treinamento Técnico. 1. Sem acabamento 2. Zincado (branco) 3. Fosfatizado 4. Bicromatizado (amarelo) 6. Niquelado

Treinamento Técnico. 1. Sem acabamento 2. Zincado (branco) 3. Fosfatizado 4. Bicromatizado (amarelo) 6. Niquelado DIVERSOS 1 - T ipos de materiais Treinamento Técnico 1. Fibra celerom composto com resina 2. Alumínio 3. Cobre 4. Latão 5. Ferro 5. (definição na cabeça do parafuso) 6. Aço., 1.9 e 12.9 (definição na

Leia mais

Correias, Polias e Transmissões. O que são?

Correias, Polias e Transmissões. O que são? Correias, Polias e Transmissões. O que são? Obs.: Fotos são meramente ilustrativas (sem escala). Página 1 TRANSMISSÕES COM CORREIAS O QUE É UMA CORREIA? Elemento de maquina que, sendo movimentado por uma

Leia mais

INTRODUÇÃO CARACTERÍSTICAS. MODELO FE 45 CAPACIDADE DE PERFURAÇÃO Ø 45 mm PROFUNDIDADE DE CORTE TIPO DE ENCAIXE CM 2 MEDIDAS DE SEGURANÇA

INTRODUÇÃO CARACTERÍSTICAS. MODELO FE 45 CAPACIDADE DE PERFURAÇÃO Ø 45 mm PROFUNDIDADE DE CORTE TIPO DE ENCAIXE CM 2 MEDIDAS DE SEGURANÇA 1 INTRODUÇÃO As Furadeiras de Base Magnética Merax caracterizam-se por serem robustas, porém leves e de fácil transporte. Utilizam qualquer tipo de broca, preferencialmente as brocas anulares. Trabalham

Leia mais

MANUTENÇÃO EM MANCAIS E ROLAMENTOS Atrito É o contato existente entre duas superfícies sólidas que executam movimentos relativos. O atrito provoca calor e desgaste entre as partes móveis. O atrito depende

Leia mais

MANCAIS DE ROLAMENTOS. 1. Introdução 2- Classificação. 3. Designação de rolamentos. 4. Defeitos comuns dos rolamentos. 5. Critérios de seleção.

MANCAIS DE ROLAMENTOS. 1. Introdução 2- Classificação. 3. Designação de rolamentos. 4. Defeitos comuns dos rolamentos. 5. Critérios de seleção. MANCAIS DE ROLAMENTOS. 1. Introdução 2- Classificação. 3. Designação de rolamentos. 4. Defeitos comuns dos rolamentos. 5. Critérios de seleção. Os mancais em geral têm como finalidade servir de apóio às

Leia mais

AS CARACTERÍSTICAS PRINCIPAIS DO MOTOR INCLUEM...

AS CARACTERÍSTICAS PRINCIPAIS DO MOTOR INCLUEM... Motores H-Compact COMPACTO, REFRIGERAÇÃO EFICIENTE A importância crescente da economia de energia, dos requerimentos ambientais, da procura por dimensões menores e das imposições dos mercados nacionais

Leia mais

Sensores de temperatura e acessórios (português) Volume 1

Sensores de temperatura e acessórios (português) Volume 1 RTDs e termopares em modelos de sensores de elementos simples e duplos Poços termométricos em uma ampla gama de materiais e conexões de processo Recursos de calibração para aumentar a precisão de medições

Leia mais

Concurso Público para Cargos Técnico-Administrativos em Educação UNIFEI 13/06/2010

Concurso Público para Cargos Técnico-Administrativos em Educação UNIFEI 13/06/2010 Questão 21 Conhecimentos Específicos - Técnico em Mecânica A respeito das bombas centrífugas é correto afirmar: A. A vazão é praticamente constante, independentemente da pressão de recalque. B. Quanto

Leia mais

Fundamentos dos rolamentos A-1

Fundamentos dos rolamentos A-1 Fundamentos dos rolamentos A-1 Fundamentos dos rolamentos Fundamentos dos rolamentos Índice Seleção de rolamentos... página A-3 Capacidades de carga e vida útil... página A-11 Lubrificação... página A-17

Leia mais

CURC - selo simples em cartucho

CURC - selo simples em cartucho CURC - selo simples em cartucho A linha de selos mecânicos duplos em cartucho tipo CDSA, é projetada para complementar a linha dos selos mecânicos simples em cartucho tipo CURC. Fabricado em série em medidas

Leia mais

Catálogo para reposição de peças. Compressores Sabroe SAB - 163 MK3

Catálogo para reposição de peças. Compressores Sabroe SAB - 163 MK3 Catálogo para reposição de peças Compressores Sabroe SAB - 163 MK3 YORK Refrigeration A YORK Refrigeration tem seu foco de atenção permanentemente voltado para o cliente. Por isso, montamos um portifólio

Leia mais

CENTRO DE USINAGEM DUPLA COLUNA. Uma Fonte Confiável de Excelentes Máquinas para Complementar Sua Força de Trabalho

CENTRO DE USINAGEM DUPLA COLUNA. Uma Fonte Confiável de Excelentes Máquinas para Complementar Sua Força de Trabalho CENTRO DE USINAGEM DUPLA COLUNA Uma Fonte Confiável de Excelentes Máquinas para Complementar Sua Força de Trabalho SÉRIE DV14 1417 / 1422 / 1432 / 1442 CENTRO DE USINAGEM DUPLA COLUNA O Centro de Usinagem

Leia mais

TECNOLOGIA DE PONTA PARA A INDÚSTRIA EÓLICA

TECNOLOGIA DE PONTA PARA A INDÚSTRIA EÓLICA TECNOLOGIA DE PONTA PARA A INDÚSTRIA EÓLICA Soluções sob medida sem comprometer a qualidade. Como um dos principais fabricantes mundiais de rolamentos, produtos de movimentação linear e produtos automotivos,

Leia mais

Série P3000. Testadores pneumáticos de peso morto - modelo P3000. Dados técnicos. Recursos

Série P3000. Testadores pneumáticos de peso morto - modelo P3000. Dados técnicos. Recursos Série P3000 Testadores pneumáticos de peso morto - modelo P3000 Dados técnicos Recursos A pressão varia de Vácuo até 2.000 psi (140 bar) Precisão superior a 0,015 % de leitura. (Opção de precisão aumentada

Leia mais