Segurança e rentabilidade. Clube de Investimento, Aplicação pós-fixada, Nova taxa da Pré-120, Jusprev, Empréstimo Papai Noel...

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Segurança e rentabilidade. Clube de Investimento, Aplicação pós-fixada, Nova taxa da Pré-120, Jusprev, Empréstimo Papai Noel..."

Transcrição

1 Órgão de Comunicação Interna Ano II - Nº 03 - Mai/Jun 2008 Clube de Investimento, Aplicação pós-fixada, Nova taxa da Pré-120, Jusprev, Empréstimo Papai Noel... Páginas 2 e 3 Magda descobriu a Coomperj e já está investindo Página 6 Cooperativa gera mais emprego do que multinacional Página 7 Chegaram os novos cartões de crédito e débito Página 8 Segurança e rentabilidade Uma entidade forte, dirigida e fiscalizada por pessoas idôneas, que oferece aplicações rentáveis, trabalhando com as menores taxas do mercado, é o lugar mais seguro para movimentar seu dinheiro. Um dos segredos de tanta segurança é o fato de contar com um Conselho Fiscal formado por gente experiente. Todas as operações passam pelo crivo dos conselheiros independentes, mas até eles têm seu trabalho avaliado, pois quem manda de verdade na cooperativa é a maioria dos associados. Outro segredo, os mecanismos de controle, entre eles o provisionamento de débitos ou arrasto. Páginas 4 e 5.

2 Planeje suas compras Hora de investir O Clube de Investimento Abracred será lançado oficialmente no dia 31/7, a partir das 17h, no auditório da Amperj, com palestras de especialistas da Corretora Planner e, em seguida, um coquetel. O clube terá perfil conservador: vai priorizar blue chips, como Vale, Petrobras e o setor bancário, além de destinar percentual menor da carteira aos papéis de empresas do novo mercado.... Diretor de operações da Planner no Rio, Maurício Helayel afirma que, apesar das turbulências, a crise das hipotecas nos EUA abriu uma grande janela para investimentos, dado que as grandes empresas brasileiras continuarão apresentando resultados robustos. O que você está esperando para antecipar suas compras de fim de ano? Fuja da inflação e do cheque especial. Venha logo a um dos postos da Coomperj e tire seu Empréstimo Papai Noel, no valor máximo de R$ 10 mil, com a menor taxa do mercado apenas 1,25%. 12,8% Uma boa notícia para seu investimento: a partir de agora, as aplicações na modalidade Pré-120, que eram taxadas a 12,5%, serão remuneradas a 12,8%. A decisão foi tomada em junho pela Diretoria da Coomperj. Vale lembrar que a nova taxa de 12,8% só passa a vigorar para as aplicações feitas a partir do dia 18/06. Aplicação pós-fixada O mais novo produto da Coomperj está fazendo o maior sucesso entre os associados: é o RDC Longo CDI, a aplicação pós-fixada, indexada ao Certificado de Depósito Interbancário, sem prazo de carência, com liquidez diária e que oferece remuneração equivalente a 98% do CDI. É um produto sob medida para quem aplica seu dinheiro a longo prazo. Escritório de bolso Adquira com até 50% de desconto seu novo celular 3G com banda larga ultraveloz e videoconferência com transmissão simultânea de áudio e imagem. Fora da Coomperj você não encontra um preço melhor. Carro novo Aproveite as vantagens do convênio com a Rio Tokio e saia dirigindo um Honda Fit e ou um New Civic zero com desconto (4% e 2% do valor sugerido, respectivamente). Tem mais: emplacamento a preço de custo e você leva de brinde jogo de tapetes, protetor de carter e insufilm. Veja em nosso site os endereços das lojas Rio Tokio em Botafogo, na Barra e no Recreio. Shiatsu com desconto O Uluwatu Day Spa oferece desconto de 10% em tratamentos de celulite e gordura localizada, limpeza de pele, massagem relaxante, shiatsu e outros serviços. Fica logo ali, na Rua México 119, sobreloja. Marque hora pelo telefone e não esqueça de levar seu cartão da Coomperj para desfrutar de mais esse convênio. E x p e d i e n t e Boletim Coomperj Rua Rodrigo Silva, 26/9º andar CEP / Telefax Posto PGJ Av. Marechal Câmara, 370/4º andar CEP / Tel / Fax Posto Niterói R. Visconde de Sepetiba, 519/4º andar CEP / Tel/Fax Posto Nova Iguaçu R. Mário Guimarães, 1050/2º andar CEP / Tel (21) Presidente Luiz Antônio Ferreira de Araujo 1º Vice-Presidente Duval Vianna 2º Vice-Presidente Luciano Oliveira Mattos de Souza Diretor Administrativo Alexandre Murilo Graça Diretor Operacional Plínio de Sá Martins Conselho Fiscal Karla Maria da Cruz Carvalho, Kátia Aguiar Marques Selles Porto e Virgílio Panagiotis Stavridis (titulares); Leonardo Araújo Marques, Maria da Conceição Lopes de Souza Santos e Pedro Moreira Alves de Brito (suplentes) Conselho Editorial Dolores Maria Ferreira, Fátima Almeida Chalhub, Karla Maria da Cruz Carvalho, Maria da Conceição Lopes de Souza Santos, Nanci da Costa Batista, Plínio de Sá Martins e Virgílio Panagiotis Stavridis Boletim da Coomperj Redação José Sergio Rocha (edição e textos) e Rafael Casado (repórter). Foto da capa: Matthias Kulka/LatinStock Projeto gráfico e diagramação Cyan Studio Ano II - Nº 03 - Mai/Jun 2008

3 A partir de agosto, a Coomperj só enviará a movimentação de contas correntes pelo Correio se o associado solicitar. Venha logo a um dos postos da Coomperj e cadastre uma senha para ter acesso a seu extrato via internet. É fácil, seguro, econômico e à prova de greves. JusPrev em agosto O procurador de Justiça e especialista em Direito Previdenciário Sergio de Andrea Ferreira vai dar a primeira palestra sobre o JusPrev - Previdência Associativa do Ministério Público e da Justiça Brasileira, que será lançado no dia 25 de agosto, às 17h, no auditório da Amperj. Neste dia, os associados da Coomperj e da Amperj já poderão se inscrever na leva de pioneiros daquele que será, em breve, um dos 5 maiores fundos de pensão do Brasil. O JusPrev tem planos de benefício que garantem aposentadoria tranqüila e mais segurança para seus familiares. Quem já possui plano bancário, como PGBL ou VGBL, pode se valer das regras de portabilidade e migrar sem ônus para a nova entidade de previdência fechada ligada às entidades jurídicas Venha a um posto da Coomperj e subscreva o mínimo de 500 quotas do capital social. Cada quota tem o valor de R$ 1,00. É pouco, não? O primeiro pagamento é de R$ 250,00 e, nos dez meses seguintes, você paga R$ 25,00. Se preferir, pague tudo de uma vez só. Assim, você queima etapas. 10 lições para não jogar dinheiro fora Quando fechar o débito, basta adquirir o mínimo de 30 quotas mensais. Apenas R$ 30,00. Pronto! Você já é um dos donos da melhor cooperativa de crédito do país. Pague todas as suas contas na Coomperj. Cada centavo aumenta a participação na empresa que agora é sua. Agora é hora de aproveitar tudo o que a cooperativa tem de melhor. Comece aplicando seu dinheiro e aproveite as melhores taxas do mercado. E aumente seus rendimentos a cada mês. Gestão de riscos Diretores, conselheiros e funcionários da Coomperj estavam entre os 70 participantes do curso Myrian Lund, realizado em maio no auditório da Amperj com a finalidade de reciclar nosso conhecimento sobre risco operacional e risco de mercado e aproveitar melhor as ferramentas de gestão e planejamento estratégico desenvolvidas pelo Sicoob. Em debate Uma boa idéia está fermentando no segmento das entidades de crédito vinculadas a instituições jurídicas: a criação da Central das Cooperativas, órgão técnico de presença nacional que terá como missão promover a centralização financeira das cooperativas do setor. O assunto já entrou na pauta do Banco Central Precisou de dinheiro para viajar, reformar a casa, trocar de carro ou alguma emergência? Pegue emprestado na Coomperj em condições que você não encontra mais em lugar nenhum. Desfrute de outras vantagens e descontos em promoções e convênios. Isso é qualidade de vida! É seu mês de aniversário? As condições dos empréstimos são ainda melhores, com taxas mais baixas. O fim do ano chegou. O banco onde você tem conta vai enviar pelo Correio uma mensagem de boas festas e ficar com o lucro que obteve o ano inteiro com sua conta. A festa é só no banco, que precisa de cada centavo seu para pagar belos salários a seus gestores. Lembre-se: você é apenas um cliente. 10 A Coomperj também vai enviar uma mensagem de Natal. Porém, como não visa o lucro e nem precisa pagar nada a seus diretores e conselheiros, vai promover o rateio das sobras. Ou seja, distribuirá o lucro. E você é chamado para receber uma parte do que aplicou, enquanto o restante fica na Coomperj, engordando seu patrimônio. E a festa é de todos nós.

4 Seja qual for o cenário econômico, o lugar mais seguro para movimentar seu dinheiro é sua Cooperativa. A Coomperj é firme como uma rocha, garantida como um cofre, não corre riscos e nem faz apostas. Além de orientar-se estritamente pela legislação e de possuir uma Diretoria Executiva idônea, outro segredo é ter suas operações acompanhadas por um Conselho Fiscal independente, eleito por todos para zelar pela tranqüilidade de todos. Mais do que cumprir uma exigência legal, o Conselho Fiscal da Coomperj existe para fortalecer e dar ainda mais credibilidade à instituição. Mas não é só esse tipo de controle que pauta a Cooperativa. O presidente Luiz Antônio Ferreira de Araujo sublinha o investimento na qualificação de seus funcionários. Estamos sempre participando de cursos, congressos, palestras e reuniões para aprimorar e melhorar a qualidade dos serviços prestados. Não só dos conselheiros fiscais, mas de todos os funcionários, assinala. A Diretoria Executiva da Coomperj sugeriu que os membros indicados para a renovação do Conselho fossem especialistas em temas ligados às atribuições que teriam, uma vez empossados, e que suas experiências se complementassem. E foi o que aconteceu. A coordenadora do Conselho Fiscal, procuradora de Justiça Karla Maria da Cruz Carvalho, que ingressou no MP em 1986, é membro do Órgão Especial do Colégio de Procuradores e hoje atua na 8ª Câmara Cível do TJ, faz questão de frisar a liberdade total do órgão para avaliar as demonstrações financeiras e acompanhar a política administrativa e de investimentos. Temos a isenção necessária para Zelando pela credibilidade Conselho Fiscal independente é mais uma garantia de operações rentáveis e seguras Kátia Porto Virgílio Stavridis M. Conceição Santos Leonardo Marques fiscalizar a qualidade do trabalho desenvolvido. Seja a operação dos caixas, a movimentação financeira de clientes, aplicações, contratos de empréstimo e todo serviço prestado ao associado, afirma Karla, que foi coordenadora do Centro Regional de Niterói, entre 1997 e Hoje aplico essas experiências na Coomperj, acrescenta. O conselheiro Virgílio Panagiotis Stavridis, promotor de Justiça desde 1993 e atual coordenador do CRAAI Rio, tem profundo conhecimento de gestão de pessoas e organização, o que facilita sua sintonia com o objetivo dos integrantes da Coomperj. Karla Carvalho Pedro Brito O fato de especialistas no assunto emitirem um parecer sobre a atuação da Coomperj é uma tranqüilidade a mais para os participantes e um conforto para a Diretoria Executiva. Agora, fazendo parte do Conselho Fiscal, confirmo tudo aquilo que já pensava sobre a administração da Coomperj. A entidade está sempre atenta à segurança e tranqüilidade de seus participantes. Por isso, só trabalha com técnicos de primeira linha, mantendo rigorosa avaliação da composição das carteiras que eles administram, observa Virgílio. Também titular do órgão, a procuradora de Justiça Kátia Aguiar Marques Selles Porto entrou para o MP em 1988, hoje atua na 2ª Câmara Criminal do TJ e foi uma das Tudo passa pelo crivo dos conselheiros, mas até eles têm se No fim de cada mês, o Conselho Fiscal se reúne para verificar se os objetivos estabelecidos na Política de Investimentos estão sendo seguidos. Os conselheiros recebem, para essa avaliação, um relatório mensal da Diretoria Executiva, com o ranking dos fundos e um estudo individualizado de cada um, o que lhes permite acompanhar de perto o andamento das ações. Isso facilita a análise da rentabilidade, dos custos e do controle de riscos. A responsabilidade é grande, mas o poder maior é sempre do associado, pois os conselheiros também são avaliados e, caso tenham desempenho aquém do esperado, podem até ser destituídos por decisão da assembléia ( 3º do art. 44 do Estatuto Social da Coomperj). Tudo que se decide na Cooperativa tem que passar pelo crivo do Conselho Fiscal, que tem uma extensa lista de atribuições (art. 46 do Estatuto Social). Entre outros encargos, cabe ao órgão observar se a diretoria se reúne regularmente; inteirar-se das obrigações da cooperativa em relação às autoridades monetárias, fiscais, trabalhistas ou administrativas; verificar os controles sobre valores e documentos custodiados na cooperativa; avaliar a execução da política de empréstimos e a regularidade do recebimento dos créditos; averiguar a atenção dispensada às reclamações dos cooperados; analisar balancetes e balanços e demonstrativos de sobra e perdas, bem como relatórios de gestão, emitindo parecer para a assembléia geral; inteirar-se dos relatórios de auditoria e verificar se as Ano II - Nº 03 - Mai/Jun 2008

5 primeiras associadas da Coomperj. O Conselho Fiscal é um trabalho novo. Além de novidade, um desafio. A instituição é nossa e estamos dando nossa contribuição, dedicando horas sem receber nada, porque acreditamos na Coomperj, que atua como um banco, mas desempenha um trabalho social junto aos associados. As pessoas nos elegeram e confiaram. Esse é nosso pagamento, afirma Kátia. Os suplentes estão na mesma freqüência. Pedro Moreira Alves Brito, procurador de Justiça desde 1974, participou da gestão do Conselho Superior e do Órgão Especial do Colégio de Procuradores. É especializado em questões administrativas e em legislação. A Coomperj é uma entidade participativa, democrática e zelosa no cumprimento das finalidades. A equipe é homogênea, amiga e integrada, avaliza. A procuradora de Justiça Maria da Conceição Lopes de Souza Santos, no MP desde 1985 e também uma das primeiras associadas da Coomperj, é titular da 2ª Procuradoria de Justiça da 2ª Câmara Cível. Ela destaca a congregação de valores de interesse da classe e, como integrante do Conselho Fiscal, observa que está conhecendo melhor o sistema financeiro, vendo como funciona o mercado. Também suplente do Conselho, o promotor de Justiça Leonardo Araújo Marques, que ingressou no Ministério Público em 2000 e hoje é titular da Promotoria de Massas Falidas e Liqüidações Extrajudiciais, ressaltou que a seriedade com o trabalho, a responsabilidade e a preocupação da administração com os cooperativados me surpreenderam. Dado o grau de profissionalismo da gestão, tenho total confiança como associado. u trabalho avaliado observações neles contidas estão sendo consideradas pela diretoria; apresentar à diretoria, com periodicidade mínima de três meses, relatório contendo conclusões e recomendações decorrentes da atividade fiscalizadora; apresentar relatório à assembléia geral ordinária sobre suas atividades e pronunciar-se sobre a regularidade dos atos praticados pela diretoria; instaurar inquéritos e comissões de averiguação após anuência da assembléia geral e convocar assembléia geral nos casos previstos no Estatuto. Outra forma de controle: O arrasto é mais um, entre tantos mecanismos de controle que o Banco Central impõe às cooperativas de crédito para proteger o capital de todos nós. A coordenadora do Conselho Fiscal, Karla Carvalho, explica em detalhes: Todo cooperado tem uma classificação de acordo com o risco que representa para a cooperativa. Essa classificação vai de A a H, o que significa que a cooperativa terá que provisionar todos os seus empréstimos e dúvidas em conta corrente de 0,5% a 100%. Vejamos como isso funciona. O cooperado que paga em dia seus empréstimos e mantém conta corrente com fundos para os cheques que emite e para os débitos automáticos, inclusive os referentes ao celular da Oi, é classificado como risco A, e com isso a cooperativa provisionará todos seus débitos em 0,5%. o arrasto Quando paga em dia seus empréstimos e adiantamentos, mas deixa a conta corrente negativa (além do cheque especial), sua classificação automaticamente vai sendo alterada para B, o que levará a cooperativa a provisionar 1% de todos seus débitos. Caso o cooperado não cubra sua conta e essa situação não seja revertida, sua classificação vai alterando, o risco vai subindo e, com isso, o provisionamento mensal. Caso chegue ao risco H, a cooperativa terá que provisionar 100% de todos os seus débitos (os da conta corrente em aberto mais os empréstimos, mesmo que estes últimos estejam sendo pagos com regularidade, bem como os adiantamentos). E de onde a cooperativa tira essa quantia para fazer o provisionamento? Tira do seu resultado mensal e, com isso, o rateio dos cooperados diminui, já que o rateio decorre das sobras da cooperativa. Esse provisionamento de todos os débitos dos cooperados é o que se chama de arrasto. Outro dado importante: às vezes, o débito em conta corrente é de quantia ínfima, R$ 50,00 ou até de valor menor, mas o fato do cooperado não cobrir a conta faz com que a cooperativa provisione todos seus débitos, mesmo que os demais estejam sendo pagos pontualmente. Por isso, é importante que o cooperado não deixe sua conta corrente descoberta, pois além dessa situação aumentar a sua classificação de risco e causar o arrasto, prejudicará sua pretensão de obter novos empréstimos.

6 Propaganda boca-a-boca conquista Magda No terceiro dia como associada, servidora da Central de Inquéritos faz a primeira aplicação financeira de sua vida De tanto ouvir um colega de trabalho falar das vantagens de se associar à Coomperj, a técnica processual Magda Peixoto Carrão resolveu conhecer melhor o assunto. Pesquisando os benefícios oferecidos pela Cooperativa, gostou do que leu na edição janeiro-fevereiro do Boletim Coomperj que estampou a manchete O banco lucra. A Coomperj distribui e há poucos dias, no início de julho, tornou-se a associada nº Não existe nada mais eficaz para divulgar um produto do que a propaganda boca-a-boca. É o que ensinam os professores dos cursos de marketing, mas isso não é teoria: o número de associados da Coomperj vem aumentando muito em virtude dessa campanha desinteressada feita nos corredores. Foi o que motivou Magda a procurar a Coomperj. Tenho um amigo na Central de Inquéritos que é cooperativado desde o início. Ele explicou os detalhes e me interessei pelas taxas dos rendimentos. Mas a certeza de participar surgiu ao saber que, ao contrário do que acontece nos bancos, a Coomperj reparte os lucros no final de cada ano. Isso fez toda a diferença, conta a servidora. A mais nova associada da Coomperj não é conhecedora do mercado financeiro. Nunca investiu, mas sentiu tanta confiança na instituição que, em seu terceiro dia como associada, retornou à entidade para fazer a primeira aplicação financeira de sua vida. São muitas as vantagens e ainda não tomei conhecimento de todas. Ainda estou me adaptando, mas quero tirar o máximo de proveito Agora acompanho as taxas de fundos. Achei a proposta do Clube de Investimento bastante interessante e quero saber mais para participar. Outros amigos também querem entrar, diz Magda. Quanto aos outros serviços e convênios oferecidos pela Cooperativa como empréstimos, desconto na compra de livros, telefone celular ou mesmo de veículos, ela ainda está se inteirando. Já ouviu falar que basta ir ao 4º andar da sede do MP para pagar todas as contas e que até mesmo essas simples operações vão significar mais dinheiro no fim do ano, quando as sobras forem repartidas entre os associados. São muitas as vantagens e ainda não tomei conhecimento de todas. Aos poucos vou participando, vendo, entendendo cada uma delas. Ainda estou me adaptando, mas quero tirar o máximo de proveito. Transferida há dois meses do posto da Central de Inquéritos na Barra para o 2º andar do edifício da Procuradoria Geral de Justiça, na Marechal Câmara, Magda Peixoto Carrão ainda não fez planos para usufruir dos rendimentos que terá em breve. A princípio, quero apenas juntar dinheiro. Quando tiver com uma graninha, eu começo a pensar numa viagem ou algo do tipo. No momento é só poupar, revela, com o pé no chão. Ano II - Nº 03 - Mai/Jun 2008

7 Cooperativas geram mais empregos do que todas as multinacionais juntas Você sabia que 5,6 milhões de brasileiros pertencem a algum tipo de cooperativa? Parece muito, mas não é. A relação de países desenvolvidos ou emergentes que vêm alcançando resultados surpreendentes na economia por terem uma cultura cooperativista mais enraizada é longa. Quatro entre dez canadenses e um entre quatro norte-americanos são cooperativados. E mais de 9 milhões de argentinos também o são. Para não falar de países de baixa densidade demográfica, como os tigres asiáticos: em Cingapura, metade da população (1,4 milhão de pessoas) rendeu-se às vantagens desse tipo de associação que, em vez de visar o lucro, movimenta a economia trabalhando pelo bem comum. Com o objetivo de difundir o máximo de conhecimento sobre o tema, a Organização das Cooperativas Brasileiras (OCB) promoveu no dia 17 de junho, no auditório do Senado Federal, o I Seminário da Frente Parlamentar do Cooperativismo (Frencoop). Uma das palestras mais saborosas foi ministrada pelo ex-ministro da Agricultura Roberto Rodrigues. Ao traçar um quadro mundial do cooperativismo, ele revelou que 800 milhões de pessoas estão vinculadas a mais de 750 mil cooperativas no planeta e, ainda, que elas geram mais de 100 milhões de empregos, 20% a mais do que todas as empresas multinacionais juntas. Mas a palestra que mais nos diz respeito sob o tema O cooperativismo de crédito no Brasil foi apresentada pelo advogado e especialista em Direito Cooperativo Ênio Meinen. As cooperativas de crédito, como a Coomperj, somam hoje entidades em pontos de atendimento espalhados pelo país, reunindo 3,6 milhões de associados e oferecendo empregos diretos. Quando mencionou as diferenças existentes entre cooperativas e bancos, Meinen salientou: na cooperativa, o administrador é do meio, enquanto no banco é um terceiro; o associado da cooperativa é também seu dono, enquanto os bancos têm clientes; na cooperativa, a política operacional é definida pelos associados, enquanto os bancos não ouvem seus clientes quando colocam preços em seus produtos. E as diferenças mais gritantes: os bancos visam lucro e o resultado é de poucos (o banqueiro e os acionistas); as cooperativas não visam lucro e os excedentes retornam aos cooperativados, com a divisão das sobras. Vice-presidente da Coomperj alerta para vantagens ilusórias Ao destacar os diferenciais existentes entre as cooperativas de crédito e os bancos, o vice-presidente da Coomperj, promotor de Justiça Luciano Mattos, sublinhou o menor custo para os tomadores de empréstimos e usuários de serviços, ou seja, os associados que preferem pagar suas contas e tarifas nos guichês da Cooperativa, em vez de irem ao banco. Precisamos ter o cuidado de avaliar muito bem as propostas, fascinantes, porém ilusórias, que são oferecidas pela concorrência predatória. Alguns bancos parecem oferecer mais vantagens a seus clientes, mas na ponta do lápis verificamos que é pura fantasia, diz Luciano Mattos. Não é de hoje que associados da Coomperj, sejam membros ou servidores do Ministério Público, recebem cartinhas e folhetos oferecendo condições aparentemente mais vantajosas a quem precisa obter um empréstimo. Já estamos acostumados. Nesse tipo de correspondência, eles prometem mais mundos do que fundos. No entanto, as pessoas que preferem esse tipo de banco, porque vão pagar dois décimos por cento a menos, no fim do ano descobrem que o ganho foi nenhum. Porém, se pegam o empréstimo na Cooperativa, se usam nossos serviços, como na hora de pagar uma conta de luz ou a mensalidade do colégio do filho, a diferença muda de lado. As vantagens da Cooperativa, até mesmo quando pagamos uma tarifa, se traduzem em benefícios que revertem tanto para a conta-capital quanto na distribuição das sobras, conclui o vice-presidente da Coomperj.

8 Chegaram os novos cartões da Coomperj Sob medida para planejar melhor suas despesas no Brasil e no exterior Mais uma vantagem de sua Cooperativa: chegaram os novos cartões de crédito e débito da Coomperj, com bandeira MasterCard, em parceria com o Sicoobcard. O objetivo é oferecer mais benefícios do que os outros cartões e facilitar a vida dos associados, especialmente durante as viagens. O anúncio foi feito pelo presidente da Coomperj, Luiz Antônio Ferreira de Araujo. Não tem contra, é só pró. Para começar, o usuário do Sicoobcard nas versões Gold ou Standard é isento de taxas de anuidade e pode planejar suas compras com mais tranqüilidade: você tem até 40 dias para pagar sem juros depende do dia em que for feita a transação as despesas efetuadas no Brasil ou no exterior. Na fatura mensal estão os gastos efetuados no período. O associado conta com um limite para compras à vista e outro, no mesmo valor, para compras parceladas, dependendo da renda. Com isso, aumenta seu poder de compra, pois, em caso de compras parceladas, o limite à vista é impactado apenas pelo valor mensal das parcelas. O cooperado também pode financiar o pagamento: é você quem decide quanto vai pagar. Basta observar o valor do pagamento mínimo indicado na fatura. Em casos de emergência, poderão ser feitos saques nos caixas automáticos do Banco 24 Horas e da Rede Cirrus, presente em mais de 120 países. Os valores são discriminados na fatura mensal, acrescidos dos encargos e das tarifas vigentes. Saques, consultas de saldo e de extrato, transferências, pagamentos de compras, tudo pode ser feito quando se usa o cartão. O cooperado também pode estender os benefícios do seu cartão para outras pessoas, por meio de cartões adicionais solicitados na cooperativa, explica o presidente da Coomperj, Luiz Antônio Ferreira de Araujo. Todas as transações realizadas por intermédio da função débito são descontadas automaticamente em sua conta corrente na Cooperativa e podem ser controladas por extratos disponíveis para consulta no Sicoob Net e no site Desenvolvido especialmente para garantir comodidade e segurança, este site disponibiliza consulta de limite, emissão de fatura, entre outras informações, inclusive em forma de gráfico, sobre o seu perfil de utilização do cartão. Além disso, todas as compras feitas no Brasil ou no exterior são convertidas automaticamente em pontos, que, somados, podem ser trocados por prêmios. Gastos efetuados por cartões adicionais também são convertidos em pontos e computados no cartão do titular. 8 Ano II - Nº 03 - Mai/Jun 2008

A grande família Coomperj está crescendo. Veja mais. Festa da Coomperj, em dezembro, será no sítio Lajedo Página 2

A grande família Coomperj está crescendo. Veja mais. Festa da Coomperj, em dezembro, será no sítio Lajedo Página 2 Órgão de Comunicação Interna Ano II - Nº 04 - Jul/Ago 2008 Veja mais Festa da Coomperj, em dezembro, será no sítio Lajedo Página 2 Duval Vianna: Vamos aumentar nosso patrimônio Páginas 4 e 5 Tudo sobre

Leia mais

Educação Financeira. Crédito Consignado. Módulo 5: Serviços Bancários

Educação Financeira. Crédito Consignado. Módulo 5: Serviços Bancários Educação Financeira Crédito Consignado Módulo 5: Serviços Bancários Objetivo Conscientizar nossos clientes sobre os serviços bancários e as funções de cada funcionário O conteúdo deste material é baseado

Leia mais

Informativo Periódico da Cooperativa de Economia e Crédito Mútuo dos Integrantes do Ministério Público no Estado do Rio de Janeiro Ltda.

Informativo Periódico da Cooperativa de Economia e Crédito Mútuo dos Integrantes do Ministério Público no Estado do Rio de Janeiro Ltda. Informativo Coomperj O quê? Por quê? Quem? Como? Onde? Quando? Ano IV. Nº 11. 2015 Informativo Periódico da Cooperativa de Economia e Crédito Mútuo dos Integrantes do Ministério Público no Estado do Rio

Leia mais

COOPERATIVA DE CRÉDITO

COOPERATIVA DE CRÉDITO 3 COOPERATIVISMO Baseia-se na união de pessoas onde cada membro deve contribuir com uma parcela ou quota parte, colaborando para a melhoria das condições econômicas e sociais de todos que fazem parte dessa

Leia mais

Sumário 1 APRESENTAÇÃO... 3 2 VOCÊ SABE COMO FUNCIONA UMA COOPERATIVA DE CRÉDITO?... 3 3 COOPERATIVISMO... 3 4 COOPERATIVA DE CRÉDITO...

Sumário 1 APRESENTAÇÃO... 3 2 VOCÊ SABE COMO FUNCIONA UMA COOPERATIVA DE CRÉDITO?... 3 3 COOPERATIVISMO... 3 4 COOPERATIVA DE CRÉDITO... Manual do Cooperado Sumário 1 APRESENTAÇÃO... 3 2 VOCÊ SABE COMO FUNCIONA UMA COOPERATIVA DE CRÉDITO?... 3 3 COOPERATIVISMO... 3 4 COOPERATIVA DE CRÉDITO... 3 5 COOPERHIDRO... 3 6 RECONHECIMENTO PARA FUNCIONAMENTO...

Leia mais

Empréstimo. Pagamento em até 30 meses; Sem taxa de abertura de crédito; Parcelas debitadas em conta; Limites analisados pela renda.

Empréstimo. Pagamento em até 30 meses; Sem taxa de abertura de crédito; Parcelas debitadas em conta; Limites analisados pela renda. Produtos Conta Corrente Com isenção de tarifas de manutenção, dez folhas cheques, quatro extratos mensais, emissão de extratos on-line, tarifas reduzidas, só na Credlíder. Conta Poupança A Poupança Credlider

Leia mais

BEM-VINDO AO SICOOB. A maior instituição financeira cooperativa do país. www.sicoob.com.br

BEM-VINDO AO SICOOB. A maior instituição financeira cooperativa do país. www.sicoob.com.br BEM-VINDO AO SICOOB. A maior instituição financeira cooperativa do país. www.sicoob.com.br Parabéns! Agora você faz parte de uma cooperativa Sicoob e conta com todos os produtos e serviços de um banco,

Leia mais

COMPUTADOR CELULAR/TABLET CAIXA ELETRÔNICO SMART TV. os benefícios da cooperativa estão sempre por perto.

COMPUTADOR CELULAR/TABLET CAIXA ELETRÔNICO SMART TV. os benefícios da cooperativa estão sempre por perto. Com o os benefícios da cooperativa estão sempre por perto. Veja o que o cooperado pode fazer usando o celular, o computador e os caixas eletrônicos. Com o SicoobNet, o associado tem acesso a conta de onde

Leia mais

COOPERATIVA DE CRÉDITO

COOPERATIVA DE CRÉDITO COOPERATIVISMO Baseia-se na união de pessoas onde cada membro deve contribuir com uma parcela ou quota parte, colaborando para a melhoria das condições econômicas e sociais de todos que fazem parte dessa

Leia mais

cartilha educação financeira

cartilha educação financeira cartilha educação financeira cartilha educação financeira A IMPORTÂNCIA DA EDUCAÇÃO FINANCEIRA A educação financeira é decisiva para o bem-estar presente e futuro das famílias, contudo, ela nem sempre

Leia mais

Recupere a saúde financeira e. garanta um futuro tranquilo Reitoria da UNESP, 13/05/2015

Recupere a saúde financeira e. garanta um futuro tranquilo Reitoria da UNESP, 13/05/2015 Recupere a saúde financeira e garanta um futuro tranquilo Reitoria da UNESP, 13/05/2015 Objetivo geral Disseminar conhecimento financeiro e previdenciário dentro e fora da SP-PREVCOM buscando contribuir

Leia mais

Seja sócio dessa ideia. Filiada a

Seja sócio dessa ideia. Filiada a Seja sócio dessa ideia. Filiada a COMPARE... E VEJA A DIFERENÇA BANCO Você é um Cliente Precisa de resultado Os lucros vão para o banqueiro ou acionistas Antes do ajudar, vem a questão do retorno Taxas

Leia mais

Plano de Previdência Complementar. Manual do Participante Fenacor Prev

Plano de Previdência Complementar. Manual do Participante Fenacor Prev Plano de Previdência Complementar Manual do Participante Fenacor Prev 1 Índice Introdução...3 O Programa de Previdência Fenacor Prev...3 Contribuições...4 Investimentos...5 Benefício Fiscal...5 Benefícios

Leia mais

Guia Americanas Itaucard International com chip

Guia Americanas Itaucard International com chip Guia Americanas Itaucard International com chip Índice Seu cartão 2 Para desbloquear seu cartão 3 Na hora de comprar 3 Na hora de pagar a fatura 4 Conheça a fatura 6 Mais conveniência para você 8 Programa

Leia mais

Regulamento do Plano de Vantagens Itaú Mais benefícios para quem mantém relacionamento com o Itaú.

Regulamento do Plano de Vantagens Itaú Mais benefícios para quem mantém relacionamento com o Itaú. Regulamento do Plano de Vantagens Itaú Mais benefícios para quem mantém relacionamento com o Itaú. O Plano de Vantagens Itaú oferece benefícios de acordo com o seu relacionamento e a sua utilização dos

Leia mais

PLANOS DE PREVIDÊNCIA PGBL E VGBL

PLANOS DE PREVIDÊNCIA PGBL E VGBL PLANOS DE PREVIDÊNCIA PGBL E VGBL Goiânia, 03 de Abril de 2014. Á CONSELHO REGIONAL DE ENGENHARIA E AGRONOMIA DE GOIAS CNPJ: 01.619.022/0001-05 Ref.: Plano de Previdência Complementar Prezado(a) Senhor(a),

Leia mais

Pesquisa de Satisfação

Pesquisa de Satisfação Pesquisa de Satisfação Anualmente a Visão Prev realiza uma Pesquisa de Satisfação com seus participantes. A ação é uma das ferramentas utilizadas pela Entidade para ouvir a opinião dos participantes e

Leia mais

03 Passos para o Seu Dinheiro da Poupança

03 Passos para o Seu Dinheiro da Poupança 03 Passos para o Seu Dinheiro da Poupança Render 5 Vezes Mais por Leandro Sierra Índice Apresentação...03 Introdução... 04 Passo 1...05 Passo 2... 08 Educação Financeira para a Segurança do seu Investimento...

Leia mais

SICOOB CREDIROCHAS. Resultados

SICOOB CREDIROCHAS. Resultados SICOOB CREDIROCHAS Resultados 2014 MENSAGEM DA DIRETORIA O Sicoob Credirochas conseguiu ótimos resultados numa clara demonstração da força do trabalho cooperativo, na busca por maior participação no mercado

Leia mais

Perguntas mais frequentes

Perguntas mais frequentes Perguntas mais frequentes CARACTERÍSTICAS DO PRODUTO Quais as vantagens do Multi Moeda Cash Passport em relação a Cheques de Viagem e ao Cartão de Crédito? Os cartões de crédito aplicam a Variação Cambial,

Leia mais

Plano de Previdência Complementar. Manual do Participante FenacorPrev

Plano de Previdência Complementar. Manual do Participante FenacorPrev Plano de Previdência Complementar Manual do Participante FenacorPrev Índice Introdução... 3 O Programa de Previdência FenacorPrev... 3 Contribuições... 4 Investimentos... 5 Benefício Fiscal... 6 Benefícios

Leia mais

Neste e-book vamos esclarecer melhor como é feita essa transição financeira, quais os melhores investimentos para a aposentadoria, como você deve administrar os demais gastos, onde é possível cortar despesas

Leia mais

em números Relatório de Prestação de Contas Sicoob Sul

em números Relatório de Prestação de Contas Sicoob Sul em números Relatório de Prestação de Contas Sicoob Sul O desempenho e os resultados alcançados pelo Sicoob Sul em comprovam as vantagens do trabalho coletivo em cooperativa. Mesmo num ano de muitas incertezas

Leia mais

RELATÓRIO DA GESTÃO 2014

RELATÓRIO DA GESTÃO 2014 RELATÓRIO DA GESTÃO 2014 1. MENSAGEM DA PRESIDÊNCIA: Hoje estamos prestando contas de nossos trabalhos frente à Creditran durante o ano de 2014. Com a entrega final do empreendimento iniciado em 2009,

Leia mais

RAÏSSA LUMACK, Vice-Presidente de RH da Coca-Cola Brasil.

RAÏSSA LUMACK, Vice-Presidente de RH da Coca-Cola Brasil. 1 RAÏSSA LUMACK, Vice-Presidente de RH da Coca-Cola Brasil. O Informativo Previcoke (Fundo de Pensão da Coca-Cola Brasil) é feito para quem já pensa no amanhã e para quem quer começar a pensar. Aqui, você

Leia mais

Produtos e Serviços para Associados. Pessoas Jurídicas

Produtos e Serviços para Associados. Pessoas Jurídicas Produtos e Serviços para Associados Pessoas Jurídicas O Sicoob Divicred entende o que seu associado precisa. Por isso, oferece soluções ágeis e modernas para otimizar suas operações bancárias e proteger

Leia mais

GUIA DE SERVIÇOS E BENEFÍCIOS

GUIA DE SERVIÇOS E BENEFÍCIOS GUIA DE SERVIÇOS E BENEFÍCIOS VEJA COMO UTILIZAR O DE FORMA PRÁTICA E SEGURA. DESBLOQUEIO DO CARTÃO Sua senha foi enviada anteriormente para seu endereço. Caso não a tenha recebido, ligue para a Central

Leia mais

SICOOB NORTE. Resultados

SICOOB NORTE. Resultados SICOOB NORTE Resultados 2014 MENSAGEM DA DIRETORIA O Sicoob Norte conseguiu ótimos resultados, numa clara demonstração da força do trabalho cooperativo, na busca por maior participação no mercado financeiro

Leia mais

CLUBE DE INVESTIMENTO. Mais uma maneira de investir no mercado de ações

CLUBE DE INVESTIMENTO. Mais uma maneira de investir no mercado de ações CLUBE DE INVESTIMENTO Mais uma maneira de investir no mercado de ações Clube de Investimento Clube de Investimento É uma associação de pessoas físicas, mínimo de 3 e máximo de 150, com objetivo em comum

Leia mais

em números Relatório de Prestação de Contas Sicoob Norte

em números Relatório de Prestação de Contas Sicoob Norte em números Relatório de Prestação de Contas Sicoob Norte O desempenho e os resultados alcançados pelo Sicoob Norte em comprovam as vantagens do trabalho coletivo em cooperativa. Mesmo num ano de muitas

Leia mais

Manual. Conheça neste manual mais detalhes sobre a SICOOB PREVI

Manual. Conheça neste manual mais detalhes sobre a SICOOB PREVI Manual Conheça neste manual mais detalhes sobre a SICOOB PREVI O melhor da vida é feito em parceria O Plano de Benefícios Previdenciários da SICOOB PREVI é uma importante ferramenta de planejamento financeiro

Leia mais

Plano de Vantagens Itaú Uniclass

Plano de Vantagens Itaú Uniclass Plano de Vantagens Itaú Uniclass Conheça o Plano de Vantagens Itaú Uniclass para correntistas. O Plano de Vantagens Itaú Uniclass oferece benefícios de acordo com o seu relacionamento com o banco e conforme

Leia mais

Guia do uso consciente do crédito. O crédito está aí para melhorar sua vida, é só se planejar que ele não vai faltar.

Guia do uso consciente do crédito. O crédito está aí para melhorar sua vida, é só se planejar que ele não vai faltar. Guia do uso consciente do crédito O crédito está aí para melhorar sua vida, é só se planejar que ele não vai faltar. Afinal, o que é crédito? O crédito é o meio que permite a compra de mercadorias, serviços

Leia mais

Regulamento do Plano de Vantagens Itaú Uniclass Mais benefícios para quem mantém relacionamento com o Itaú Uniclass.

Regulamento do Plano de Vantagens Itaú Uniclass Mais benefícios para quem mantém relacionamento com o Itaú Uniclass. Regulamento do Plano de Vantagens Itaú Uniclass Mais benefícios para quem mantém relacionamento com o Itaú Uniclass. O Plano de Vantagens Itaú Uniclass oferece benefícios de acordo com o seu relacionamento

Leia mais

2 - Quais as vantagens do Confidence Travel Card em relação ao Cheques de Viagem e o Cartão de Crédito?

2 - Quais as vantagens do Confidence Travel Card em relação ao Cheques de Viagem e o Cartão de Crédito? Perguntas frequentes Confidence Travel Card Sobre o Cartão Confidence Travel Card 1 - Eu posso adquirir e recarregar um Confidence Travel Card nas Bandeiras Visa e Mastercard? Para Compra: Na bandeira

Leia mais

Perfis de Investimento

Perfis de Investimento Perfis de Investimento Manual Perfis de Investimento Manual Perfis de Investimento Índice Objetivo... 3 Introdução... 3 Falando sobre sua escolha e seu plano... 3 Perfis de Investimento... 5 Principais

Leia mais

Guia Americanas Itaucard Gold com chip

Guia Americanas Itaucard Gold com chip Guia Americanas Itaucard Gold com chip Índice Seu cartão 3 Para desbloquear seu cartão 4 Na hora de comprar 4 Na hora de pagar a fatura 5 Conheça a fatura 7 Mais conveniência para você 9 Itaucard Mail

Leia mais

INVESTIMENTOS CONSERVADORES

INVESTIMENTOS CONSERVADORES OS 4 INVESTIMENTOS CONSERVADORES QUE RENDEM MAIS QUE A POUPANÇA 2 Edição Olá, Investidor. Esse projeto foi criado por Bruno Lacerda e Rafael Cabral para te ajudar a alcançar mais rapidamente seus objetivos

Leia mais

FUNDAMENTOS DE EDUCAÇÃO FINANCEIRA. Programa de Remessas e Capacitação para Emigrantes Brasileiros e seus Beneficiários no Brasil

FUNDAMENTOS DE EDUCAÇÃO FINANCEIRA. Programa de Remessas e Capacitação para Emigrantes Brasileiros e seus Beneficiários no Brasil FUNDAMENTOS DE EDUCAÇÃO FINANCEIRA Programa de Remessas e Capacitação para Emigrantes Brasileiros e seus Beneficiários no Brasil Programa de Remessas e Capacitação para Emigrantes Brasileiros e seus Beneficiários

Leia mais

Bons motivos para festejar. Veja mais

Bons motivos para festejar. Veja mais Órgão de Comunicação Interna Ano IV - Nº 10 Jan/Fev 2010 Bons motivos para festejar 31 de janeiro: o presidente da Coomperj abriu a página de Economia do Globo e ganhou o domingo. O jornal dizia que o

Leia mais

Plano de Vantagens Itaú

Plano de Vantagens Itaú Plano de Vantagens Itaú Conheça o Plano de Vantagens Itaú para correntistas. O Plano de Vantagens Itaú oferece benefícios de acordo com o seu relacionamento com o banco e conforme sua utilização de serviços.

Leia mais

Produtos e Serviços para Associados. Pessoas Físicas

Produtos e Serviços para Associados. Pessoas Físicas Produtos e Serviços para Associados Pessoas Físicas O Sicoob Divicred entende o que seu associado precisa. Por isso, oferece soluções ágeis e modernas para otimizar suas operações bancárias e proteger

Leia mais

Semana Nacional de Educação Financeira Tema. Opções de investimentos em um cenário de juros em elevação

Semana Nacional de Educação Financeira Tema. Opções de investimentos em um cenário de juros em elevação Tema Opções de investimentos em um cenário de juros em elevação Apresentação JOCELI DA SILVA SILVA Analista Administrativo/Gestão Pública Lotado na Assessoria de Coordenação 3ª CCR Especialização UNB Clube

Leia mais

Conheça a Greencred. 10 anos de sucesso

Conheça a Greencred. 10 anos de sucesso Conheça a Greencred Conheça a Greencred A Greencred é uma Cooperativa de crédito que oferece serviços, produtos e facilidades para profissionais da área da saúde. As melhores opções para seus investimentos

Leia mais

EXPANSÃO AGO DECIDE PELA DA COOPERATIVA TEMOS LINHAS DE CRÉDITO COM AS MENORES TAXAS PÁG. 5 CONHEÇA AS VANTAGENS DOS NOSSOS PRODUTOS PÁG.

EXPANSÃO AGO DECIDE PELA DA COOPERATIVA TEMOS LINHAS DE CRÉDITO COM AS MENORES TAXAS PÁG. 5 CONHEÇA AS VANTAGENS DOS NOSSOS PRODUTOS PÁG. AGO DECIDE PELA EXPANSÃO DA COOPERATIVA A principal decisão dos cooperados presentes à Assembleia Geral Ordinária (AGO), realizada no dia 25 de março, foi a constituição de um fundo especial para financiar

Leia mais

Não dá para concorrer com a Coomperj

Não dá para concorrer com a Coomperj Órgão de Comunicação Interna Ano III - Nº 07 Mar/Abr/Mai 2009 Não dá para concorrer com a Coomperj A Coomperj cobra taxas de empréstimos até seis vezes mais baixas do que nos bancos e financeiras. O segredo

Leia mais

PRODUTOS E SERVIÇOS BANCÁRIOS. Programa de Remessas e Capacitação para Emigrantes Brasileiros e seus Beneficiários no Brasil

PRODUTOS E SERVIÇOS BANCÁRIOS. Programa de Remessas e Capacitação para Emigrantes Brasileiros e seus Beneficiários no Brasil PRODUTOS E SERVIÇOS BANCÁRIOS Programa de Remessas e Capacitação para Emigrantes Brasileiros e seus Beneficiários no Brasil Programa de Remessas e Capacitação para Emigrantes Brasileiros e seus Beneficiários

Leia mais

Fique atento! Chegou a hora de declarar o. Especial. Não descuide do prazo de entrega e confira como declarar seus planos de previdência.

Fique atento! Chegou a hora de declarar o. Especial. Não descuide do prazo de entrega e confira como declarar seus planos de previdência. Especial IRPF 2011 Boletim Informativo dirigido a participantes de planos de previdência da Bradesco Vida e Previdência - Março de 2011 Chegou a hora de declarar o IRPF2011 Fique atento! Não descuide do

Leia mais

Cartilha do Crédito Consignado

Cartilha do Crédito Consignado Cartilha do Crédito Consignado Guia Prático para o Aposentado e Pensionista do INSS apoio ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DE BANCOS Caro aposentado ou pensionista Esta cartilha foi elaborada para o seu bem-estar.

Leia mais

Guia do uso consciente do crédito. Dicas e informações para você usar o crédito sem perder o sono.

Guia do uso consciente do crédito. Dicas e informações para você usar o crédito sem perder o sono. Guia do uso consciente do crédito Dicas e informações para você usar o crédito sem perder o sono. Afinal, o que é crédito? O crédito é o meio que permite a compra de mercadorias, serviços ou obtenção e

Leia mais

Cooperativismo É a união de pessoas voltadas para um objetivo comum, sem fins lucrativos, por meio da cooperação e da ajuda mútua entre associados.

Cooperativismo É a união de pessoas voltadas para um objetivo comum, sem fins lucrativos, por meio da cooperação e da ajuda mútua entre associados. COOPERATIVA DE ECONOMIA E CRÉDITO MÚTUO DOS FUNCIONÁRIOS DAS EMPRESAS DE CERÂMICA CoopASPACER Cooperativismo É a união de pessoas voltadas para um objetivo comum, sem fins lucrativos, por meio da cooperação

Leia mais

Manual de. Educação Financeira. Dicas para planejar e poupar seu dinheiro. Cecreb MANUAL DE EDUCAÇÃO FINANCEIRA

Manual de. Educação Financeira. Dicas para planejar e poupar seu dinheiro. Cecreb MANUAL DE EDUCAÇÃO FINANCEIRA Manual de Educação Financeira MANUAL DE EDUCAÇÃO FINANCEIRA Dicas para planejar e poupar seu dinheiro 1 A filosofia da Manual de Educação Financeira 2 Um dos princípios básicos das Cooperativas de Crédito

Leia mais

IRPF IR2013. Chegou a hora de declarar o. Especial

IRPF IR2013. Chegou a hora de declarar o. Especial Boletim Informativo dirigido a participantes de planos de previdência da Bradesco Vida e Previdência Março de 2013 Especial IRPF 2013 Chegou a hora de declarar o IR2013 >> Fique por dentro >> Onde informar

Leia mais

PLANO SUPLEMENTAR. Material Explicativo Plano Suplementar 1

PLANO SUPLEMENTAR. Material Explicativo Plano Suplementar 1 PLANO SUPLEMENTAR Material Explicativo 1 Introdução A CitiPrevi oferece planos para o seu futuro! Recursos da Patrocinadora Plano Principal Benefício Definido Renda Vitalícia Programa Previdenciário CitiPrevi

Leia mais

O cooperativismo de crédito e você

O cooperativismo de crédito e você O cooperativismo de crédito e você A Cooperativa de Crédito é uma instituição financeira sem fins lucrativos de propriedade dos associados, controlada de forma democrática por seus membros, e tem o propósito

Leia mais

Conhecimentos Bancários. Item 2.1.5- LCI Letra de Crédito Imobiliário

Conhecimentos Bancários. Item 2.1.5- LCI Letra de Crédito Imobiliário Conhecimentos Bancários Item 2.1.5- LCI Letra de Crédito Imobiliário Conhecimentos Bancários Item 2.1.5- LCI Letra de Crédito Imobiliário Letra de Crédito Imobiliário (LCI) é um título de renda fixa emitido

Leia mais

SECRETARIA DA JUSTIÇA E DA DEFESA DA CIDADANIA FUNDAÇÃO DE PROTEÇÃO E DEFESA DO CONSUMIDOR DIRETORIA DE ESTUDOS E PESQUISAS

SECRETARIA DA JUSTIÇA E DA DEFESA DA CIDADANIA FUNDAÇÃO DE PROTEÇÃO E DEFESA DO CONSUMIDOR DIRETORIA DE ESTUDOS E PESQUISAS Resultados dos estudos sobre a redução de taxas de juros praticadas por bancos públicos e privados. Orientações aos consumidores. Face aos diversos anúncios de redução de juros veiculados na mídia a partir

Leia mais

Cliente Nossa Caixa, o Banco do Brasil tem orgulho de receber você e sua empresa.

Cliente Nossa Caixa, o Banco do Brasil tem orgulho de receber você e sua empresa. Cliente Nossa Caixa, o Banco do Brasil tem orgulho de receber você e sua empresa. Conheça os benefícios do novo banco da sua empresa. Banco do Brasil. É de São Paulo. É do Brasil. É Todo Seu. Índice 2

Leia mais

Material Explicativo. Plano de Aposentadoria CD da Previ-Siemens

Material Explicativo. Plano de Aposentadoria CD da Previ-Siemens Material Explicativo Plano de Aposentadoria CD da Previ-Siemens Sumário Plano CD - Tranqüilidade no futuro 3 Conheça a previdência 4 A entidade Previ-Siemens 6 Como funciona o Plano CD da Previ-Siemens?

Leia mais

Cooperativismo. Cooperativa de Crédito Mútuo dos Empregados da INFRAERO

Cooperativismo. Cooperativa de Crédito Mútuo dos Empregados da INFRAERO Cooperativismo Cooperativa de Crédito Mútuo dos Empregados da INFRAERO GESTÃO: Samuel José dos Santos Diretor Presidente Marco Antonio da C.Guimarães - Diretor Operacional João Gonçalves dos Santos Diretor

Leia mais

TABELA DE SERVIÇOS BÁNCARIOS

TABELA DE SERVIÇOS BÁNCARIOS SALDOS MÍNIMOS NECESSÁRIOS: Conta Corrente Pessoa Física (PF) $5,000.00 $5,000.00 Pessoa Jurídica (PJ) $10,000.00 $10,000.00 "Money Market" $20,000.00 $20,000.00 Certificado de Depósito $50,000.00 Não

Leia mais

TREINAMENTO BRADESCARD. Lojas BP

TREINAMENTO BRADESCARD. Lojas BP TREINAMENTO BRADESCARD Lojas BP 1 Cartão BradesCard O BradesCard facilita a realização dos seus clientes de forma prática e flexível. Especializado no Varejo, oferece um portfólio completo de produtos

Leia mais

Pra que serve tudo isso?

Pra que serve tudo isso? Capítulo 1 Pra que serve tudo isso? Parabéns! Você tem em mãos a base para o início de um bom planejamento financeiro. O conhecimento para começar a ver o dinheiro de outro ponto de vista, que nunca foi

Leia mais

Agora sua máquina da Cielo passa os cartões Diners Club. Informativo. Ou seja, o seu ponto de venda acaba de ganhar vários pontos com os clientes.

Agora sua máquina da Cielo passa os cartões Diners Club. Informativo. Ou seja, o seu ponto de venda acaba de ganhar vários pontos com os clientes. A número 1 em vendas. NADA SUPERA ESSA MÁQUINA. Informativo EDIÇÃO 2 TUDO O QUE VOCÊ PRECISA SABER SOBRE A CIELO PARA O SEU NEGÓCIO. Palavra do presidente Prezado cliente, A Cielo atua no cenário multibandeira

Leia mais

Mensagem do Administrador

Mensagem do Administrador Educação Financeira Índice 1. Mensagem do administrador... 01 2. O Cartão de crédito... 02 3. Conhecendo sua fatura... 03 4. Até quanto gastar com seu cartão... 07 5. Educação financeira... 08 6. Dicas

Leia mais

Cartilha do ORÇAMENTO DOMÉSTICO. seja um

Cartilha do ORÇAMENTO DOMÉSTICO. seja um Cartilha do ORÇAMENTO DOMÉSTICO seja um A Boa Vista Serviços é uma empresa genuinamente brasileira, atualizada e inovadora, constituída para a operação do SCPC (Serviço Central de Proteção ao Crédito).

Leia mais

[CONFIDENCIAL] Aprenda com o SAGAZ. Primeiros passos para investir na Bolsa.

[CONFIDENCIAL] Aprenda com o SAGAZ. Primeiros passos para investir na Bolsa. 1 Aprenda com o SAGAZ Primeiros passos para investir na Bolsa. Está pensando em investir em ações e não sabe por onde começar? Fique tranqüilo, você está no lugar certo. Aqui você terá a melhor orientação

Leia mais

Vida simples para o empreeendedor

Vida simples para o empreeendedor #147 seu dinheiro a sua revista de finanças pessoais Portal permitirá abrir e fechar empresas em até cinco dias Vida simples para o empreeendedor oferecimento: Quer investir em maconha? Agora, isso já

Leia mais

Faça suas compras sem sair de casa, com todo conforto e praticidade.

Faça suas compras sem sair de casa, com todo conforto e praticidade. Faça suas compras sem sair de casa, com todo conforto e praticidade. Agora você já pode dizer á todos que tem um fantástico cartão onde poderá realizar todas suas compras sem sair de casa. Stress com filas,

Leia mais

Manual Perfis de Investimentos

Manual Perfis de Investimentos Manual Perfis de Investimentos 2015 Manual de Perfis de Investimentos Índice Perfi s de Investimentos Avonprev... 4 Por que existem os Perfi s de Investimentos... 5 O que são Perfi s de Investimentos...

Leia mais

E-book de Fundos de Investimento

E-book de Fundos de Investimento E-book de Fundos de Investimento O QUE SÃO FUNDOS DE INVESTIMENTO? Fundo de investimento é uma aplicação financeira que funciona como se fosse um condomínio, onde as pessoas somam recursos para investir

Leia mais

Plano de Previdência ArcelorMittal Brasil. Contribuição definida

Plano de Previdência ArcelorMittal Brasil. Contribuição definida Plano de Previdência ArcelorMittal Brasil Contribuição definida Plano de Previdência ArcelorMittal Brasil Este folheto contém as principais características do Plano de Previdência Complementar da ArcelorMittal

Leia mais

REGULAMENTO DA PROMOÇÃO OUROCARD (2007/2008)

REGULAMENTO DA PROMOÇÃO OUROCARD (2007/2008) DEFINIÇÕES a) BANCO: Banco do Brasil S.A. b) TITULAR: é o portador titular dos cartões de crédito e de múltiplas funções, emitidos para pessoa física, pelo BANCO. c) PARTICIPANTE: é o TITULAR inscrito

Leia mais

guia prático volume I finanças

guia prático volume I finanças guia prático volume I finanças Manter-se bem informado para gerenciar seu consultório ou clínica da melhor maneira possível é fundamental para o sucesso. Dessa forma, além de obter um resultado final mais

Leia mais

As mudanças mais importantes no Bradesco Previdência

As mudanças mais importantes no Bradesco Previdência As mudanças mais importantes no Bradesco Previdência No dia 21 de julho, o RH do Banco Bradesco e diretores do Bradesco Previdência expuseram, a cerca de 50 dirigentes sindicais, as mudanças no plano de

Leia mais

M = C. (1 + (i. T)) Juros compostos:- Como calcular juros compostos: montante, capital inicial, fórmula, taxa, tempo, etc.

M = C. (1 + (i. T)) Juros compostos:- Como calcular juros compostos: montante, capital inicial, fórmula, taxa, tempo, etc. Material de Estudo para Recuperação 9 ano. Juros Simples O regime de juros será simples quando o percentual de juros incidirem apenas sobre o valor principal. Sobre os juros gerados a cada período não

Leia mais

O primeiro guia online de anúncios de Guarulhos a se tornar franquia nacional

O primeiro guia online de anúncios de Guarulhos a se tornar franquia nacional O primeiro guia online de anúncios de Guarulhos a se tornar franquia nacional O guia online Vitrine de Guarulhos é um dos produtos do Grupo Vitrine X3, lançado no dia 11/11/11 com o objetivo de promover

Leia mais

Cartão BRB Pré-Pago. Como adquirir

Cartão BRB Pré-Pago. Como adquirir Cartão BRB Pré-Pago O Cartão BRB Pré-Pago facilita a sua vida e da sua família. Com ele você tem mais controle dos seus castos, paga pequenas despesas do dia a dia, usa em vários lugares do País e pode

Leia mais

CAPÍTULO III - DA COMPOSIÇÃO E DIVERSIFICAÇÃO DA CARTEIRA DO FUNDO

CAPÍTULO III - DA COMPOSIÇÃO E DIVERSIFICAÇÃO DA CARTEIRA DO FUNDO CAPÍTULO - DO FUNDO Artigo 1º O CAXA FUNDO MÚTUO DE PRVATZAÇÃO FGTS VALE DO RO DOCE CAXA FMP FGTS VALE DO RO DOCE, doravante designado, abreviadamente, FUNDO, é uma comunhão de recursos constituída sob

Leia mais

BANRIDICAS FINANCEIRAS. A sua cartilha sobre Educação Financeira

BANRIDICAS FINANCEIRAS. A sua cartilha sobre Educação Financeira BANRIDICAS FINANCEIRAS A sua cartilha sobre Educação Financeira Planejando seu orçamento Traçar planos e colocar tudo na ponta do lápis - não é tarefa fácil, mas também não é impossível. O planejamento

Leia mais

Fique tranqüilo e. pague menos. Dicas para você saber como usar sua conta corrente e economizar no dia-a-dia.

Fique tranqüilo e. pague menos. Dicas para você saber como usar sua conta corrente e economizar no dia-a-dia. Fique tranqüilo e pague menos Dicas para você saber como usar sua conta corrente e economizar no dia-a-dia. Controle seu orçamento Evite gastar mais do que você possui na conta corrente, incluindo seu

Leia mais

Regulamento da MultiConta Prestige

Regulamento da MultiConta Prestige Regulamento da MultiConta Prestige Mais serviços e mais benefícios feitos para quem recebe seu crédito de salário ou aposentadoria no Itaú Personnalité. A MultiConta Prestige oferece um maior número de

Leia mais

Guia PCD. Conheça melhor o Plano

Guia PCD. Conheça melhor o Plano Guia PCD Conheça melhor o Plano Índice De olho no Futuro...3 Quem é a Fundação Centrus?...5 Conhecendo o Plano de Contribuição Definida - PCD...6 Contribuições do Participante...7 Saldo de Conta...8 Benefícios

Leia mais

SOBRE O AUTOR. Leonardo Rocha é formado em Ciências Econômicas pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS).

SOBRE O AUTOR. Leonardo Rocha é formado em Ciências Econômicas pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS). SOBRE O AUTOR Leonardo Rocha é formado em Ciências Econômicas pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS). Iniciou seu aprendizado em 2007, quando começou a estudar sobre o mercado financeiro.

Leia mais

TERMOS E CONDIÇÕES GERAIS DE USO DO APLICATIVO CONTROLY E DO CARTÃO CONTROLY

TERMOS E CONDIÇÕES GERAIS DE USO DO APLICATIVO CONTROLY E DO CARTÃO CONTROLY TERMOS E CONDIÇÕES GERAIS DE USO DO APLICATIVO CONTROLY E DO CARTÃO CONTROLY Os presentes termos e condições gerais de uso (os Termos de Uso ) definem os direitos e obrigações aplicáveis aos usuários do

Leia mais

BENEFÍCIOS DOS ADVOGADOS

BENEFÍCIOS DOS ADVOGADOS Produtos e serviços CGD para profissionais liberais e jovens advogados: CONTAS À ORDEM Conta Extracto A informação onde preferir. Com esta conta recebe um extracto com toda a informação da sua conta, na

Leia mais

Alterações na Poupança

Alterações na Poupança PRODUTOS E SERVIÇOS FINANCEIROS INVESTIMENTOS POUPANÇA A conta de poupança foi criada para estimular a economia popular e permite a aplicação de pequenos valores que passam a gerar rendimentos mensalmente.

Leia mais

Uma luz no fim do túnel

Uma luz no fim do túnel Órgão de Comunicação Interna Uma luz no fim do túnel O Rio de Janeiro tem mais uma luta pela frente: é urgente a criação de uma cooperativa central de crédito para dar mais vigor ao sistema e servir de

Leia mais

GUIA DE PLANEJAMENTO FINANCEIRO

GUIA DE PLANEJAMENTO FINANCEIRO GUIA DE PLANEJAMENTO FINANCEIRO VOCÊ TEM MAIS DINHEIRO DO QUE IMAGINA PLANEJAMENTO FINANCEIRO; COMO ORGANIZAR SEU ORÇAMENTO; A IMPORTÂNCIA DE TER AS CONTAS EM DIA; DESCUBRA COMO FAZER PARA QUE SOBRE UM

Leia mais

PREVIDÊNCIA COMPLEMENTAR

PREVIDÊNCIA COMPLEMENTAR PREVIDÊNCIA COMPLEMENTAR O FUTURO DA PREVIDÊNCIA SOCIAL O déficit da previdência social coloca em risco o direito à aposentadoria Fatores que agravam a situação: Queda da taxa de natalidade Aumento da

Leia mais

ESTATUTO SOCIAL CAPÍTULO I - DENOMINAÇÃO, SEDE, OBJETO E DURAÇÃO

ESTATUTO SOCIAL CAPÍTULO I - DENOMINAÇÃO, SEDE, OBJETO E DURAÇÃO ESTATUTO SOCIAL CAPÍTULO I - DENOMINAÇÃO, SEDE, OBJETO E DURAÇÃO DOC IV Art. 1º: SOCIALCRED S/A SOCIEDADE DE CRÉDITO AO MICROEMPREENDEDOR E À EMPRESA DE PEQUENO PORTE rege-se pelo presente estatuto social

Leia mais

MEU FATOR DE SUCESSO A essência do seu trabalho PLANO DE CARREIRA E VANTAGENS

MEU FATOR DE SUCESSO A essência do seu trabalho PLANO DE CARREIRA E VANTAGENS MEU FATOR DE SUCESSO A essência do seu trabalho PLANO DE CARREIRA E VANTAGENS Seja Bem Vinda! Em 1995 quando ao lado da minha família idealizei a Fator 5, tinha a meu favor a minha força de vontade, minha

Leia mais

Material Explicativo. Plano de Aposentadoria GEBSA-PREV

Material Explicativo. Plano de Aposentadoria GEBSA-PREV Material Explicativo Plano de Aposentadoria GEBSA-PREV 2 GEBSA-PREV O PLANO GEBSA-PREV VAI AJUDAR VOCÊ A CONSTRUIR SEU FUTURO! Preocupada com a tranquilidade e o bem estar de seus funcionários, a GE oferece

Leia mais

08 Capital de giro e fluxo de caixa

08 Capital de giro e fluxo de caixa 08 Capital de giro e fluxo de caixa Qual o capital que sua empresa precisa para funcionar antes de receber o pagamento dos clientes? Como calcular os gastos, as entradas de dinheiro, e as variações de

Leia mais

Conhecimentos Bancários Professor Carlos Arthur

Conhecimentos Bancários Professor Carlos Arthur Conhecimentos Bancários Professor Carlos Arthur 1 - Sobre as atribuições do Banco Central do Brasil, é incorreto afirmar: a) Exerce o controle de crédito b) Estimula a formação de poupança e a sua aplicação

Leia mais

Caros Passageiros e Pais SEJAM BEM VINDOS À AEROTUR DISNEY 2011! A Viagem já começou no momento em que você fez a sua inscrição e nós temos certeza de que todos vivem momentos de muitos sonhos, expectativas

Leia mais

Um ano de excelentes resultados

Um ano de excelentes resultados Um ano de excelentes resultados Mais uma vez, o Sicoob Engecred tem excelentes resultados para os seus cooperados. Em 2012 a Cooperativa superou todas as expectativas e confirmou a sua trajetória de sucesso.

Leia mais

Índice. Boas vindas...03. Missão COOPERFEMSA...04. O que é uma Cooperativa de Crédito Mútuo?...05. O que é a COOPERFEMSA?...06

Índice. Boas vindas...03. Missão COOPERFEMSA...04. O que é uma Cooperativa de Crédito Mútuo?...05. O que é a COOPERFEMSA?...06 Guia do Cooperado Índice Boas vindas...03 Missão COOPERFEMSA...04 O que é uma Cooperativa de Crédito Mútuo?...05 O que é a COOPERFEMSA?...06 Quais as vantagens para se associar?...07 De quem é a COOPERFEMSA?...08

Leia mais

ESTATUTO SOCIAL DO CLUBE DE INVESTIMENTO FIDUS

ESTATUTO SOCIAL DO CLUBE DE INVESTIMENTO FIDUS ESTATUTO SOCIAL DO CLUBE DE INVESTIMENTO FIDUS I DENOMINAÇÃO E OBJETIVO ARTIGO 1º - O CLUBE DE INVESTIMENTO FIDUS constituído por número limitado de membros que têm por objetivo a aplicação de recursos

Leia mais

1.8. Cartões emitidos para pagamento de benefícios ou repasse de programas sociais devem ser considerados?

1.8. Cartões emitidos para pagamento de benefícios ou repasse de programas sociais devem ser considerados? PAGAMENTOS DE VAREJO E CANAIS DE ATENDIMENTO Perguntas freqüentes 1. Arquivo ESTATCRT.TXT Informações relativas aos cartões com função saque e e-money 1.1. Devo informar os saques efetuados sobre linhas

Leia mais