Kompetenz für Lebensmittel.

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Kompetenz für Lebensmittel."

Transcrição

1 Tendências e perspectivas no comércio de gêneros alimentícios Como feira líder mundial, a ANUGA 2015 também será novamente o fórum de tendências para toda a indústria de alimentos. A fundadora e co-organizadora BVLH (Associação Federal do Comércio Alemão de Alimentos) também estará presente em Colônia para mais esta edição da feira. A associação representa os interesses do comércio alemão de alimentos em todas as questões a nível profissional e político. Para este efeito, a BVLH opera escritórios na sede do governo federal alemão, em Berlim, e junto às instituições europeias em Bruxelas. Dados conjunturais e fundamentos econômicos nacionais A ANUGA 2015 acontece em um período em que a conjuntura mundial se recupera lentamente. Em seu prognóstico conjuntural atual, o Instituto para Economia Mundial da Universidade de Kiel prevê um crescimento na economia mundial de 3,7 por cento. Este crescimento deverá ser de quatro por cento em Os motores deste progresso são, acima de todos, os EUA, Japão, os países da Eurozona e Grã-Bretanha. Além disso, os pesquisadores contam com a continuação da baixa taxa de inflação e um recuo do desemprego na maioria das economias nacionais. Apesar dos, no geral, bons prognósticos, os pesquisadores econômicos alertam que a economia mundial permanecerá suscetível a perturbações. Os fundamentos econômicos nacionais atuais para a União Europeia e os países da zona euro apoiam as expectativas econômicas positivas. Em 2014, o produto interno bruto na Eurozona cresceu em 0,9 por cento, chegando até mesmo a 1,3 por cento na UE. As despesas de consumo das famílias contribuíram fortemente para este crescimento. No quarto trimestre de 2014, as despesas aumentaram cerca de 0,4 por cento na Eurozona e 0,5 por cento em toda União Europeia. Para o ano de 2015, os pesquisadores econômicos do Instituto para Economia Mundial esperam um aumento do produto interno bruto na Eurozona de 1,3 por cento. Em 2016, o crescimento deverá ser de até mesmo 1,7 por cento. A Alemanha exerce uma influência significativa no desenvolvimento conjuntural da UE. E as perspectivas para a maior economia nacional da Europa são muito positivas. O Instituto para Economia Mundial espera que o desempenho econômico na Alemanha cresça cerca de 1,8 por cento em Em 2016, este aumento deverá ser ainda mais acentuado, chegando ao 2 por cento. Na Alemanha, as despesas de consumo das famílias também são um fator importante para este impulso conjuntural. Segundos os prognósticos, estas despesas deverão aumentar em 2,7 por cento neste ano. Este seria o maior valor desde mais de 20 anos. Salários reais em crescimento reinforçam o consumo privado Segundo a opinião de vários especialistas, as baixas taxas de inflação atuais também são uma das razões das quais o consumidores na Alemanha e em vários países europeus olham para o futuro com otimismo. A GfK (Gesellschaft für Konsumforschung - Sociedade para Pesquisa do Consumo) concluiu em seu relatório sobre o desenvolvimento do clima de consumo que os alemães contam com um aumento da renda real. Razão para isso são, principalmente, os 1

2 preços baixos e um mercado de trabalho estável. Com isso, os consumidores tendem a gastar esse dinheiro adicional. Também na UE os consumidores estão novamente otimistas que a crise financeira possa ser superada. Atualmente, o índice do clima de consumo da GfK para a Grã-Bretanha encontra-se em seu maior valor, que vem sendo medido já há 16 anos nas expectativas econômicas. Os espanhóis voltaram a olhar positivamente para o desenvolvimento econômico de seu país, como já não acontecia há 14 anos. Os pesquisadores econômicos observaram uma mudança fundamental nas tendências das perspectivas econômicas também nos italianos. Procura por produtos sustentáveis continua em alta Há boas possibilidades que os consumidores invistam o dinheiro disponível não apenas em produtos alimentares básicos, mas também compre, no geral, produtos de qualidade. Aqui, o debate em curso sobre a produção sustentável de alimentos continuará a desempenhar um papel importante. Segundo uma pesquisa atual do Otto Group, a ética do consumo também chegou aos âmbitos social e econômico da vida cotidiana. A pesquisa conclui que, hoje em dia, um em cada dois consumidores na Alemanha prefere a compra de produtos alimentares regionais, produzidos biologicamente ou comercializados de maneira justa (fair trade). Seis anos atrás, esse costume era praticado por apenas um quarto dos entrevistados. O crescente interesse em produtos deste tipo também continua a ser refletido no desenvolvimento dos números de vendas. O grupo mais importante no que diz respeito à produção eticamente correta de produtos continua sendo os alimentos orgânicos. Os EUA são o maior mercado de produtos orgânicos a nível mundial. De acordo com os números mais atuais do ano de 2013, gerou-se por lá um volume de negócios de 24,3 bilhões de euros. A UE aparece em segundo lugar, com 22,2 bilhões de euros em volume de vendas. Os alemães são os que mais compram produtos orgânicos (7,5 bi de euros em volume de vendas). Com isso, a Alemanha encontra-se atrás dos EUA, na segunda posição, seguida pela França (4,4 bi de euros). A China, com um volume de negócios de 2,43 bi de euros, aparece em quarto lugar. Produtos do comércio justo também vêm sendo cada vez mais procurados O volume de negócios mundial é atualmente de mais de 5,5 bilhões de euros. A organização Transfair afirma que somente na Grã-Bretanha são comercializados produtos do comércio justo no valor de 2 bilhões de euros. Outros importantes mercados de escoamento são Alemanha, Suíça, EUA, França e Suécia. A tendência para produtos alimentares sustentáveis também é impulsionada devido à preocupação de muitos consumidores pela própria saúde. Este foi o resultado da pesquisa "Global Health & Wellness Survey" da empresa de estudos de mercado Nielsen. Segundo a pesquisa, quase um em cada dois consumidores entrevistados se considera obeso. Entre aqueles que desejam emagrecer, 75 por cento afirmaram querer alterar seus hábitos alimentares. Em dados concretos: 65 por cento desejam ingerir menos gordura, 62 por cento, menos açúcar, e 57 por cento pretendem comer mais alimentos frescos e não industrializados. 2

3 Para 35 por cento dos consumidores mundialmente entrevistados, a produção sustentável e o comércio justo são critérios de compra muito importantes quando se trata de alimentos. Isto é válido em proporções ainda maiores para produtos livres de organismos geneticamente modificados. Em todo mundo, 43 por cento dos consumidores revelaram dar grande importância em relação a isso durante as compras. Os maiores céticos da manipulação genética de alimentos vivem na Europa. Para 47 por cento dos consumidores europeus, produtos sem OGM são um critério de compra de grande importância. O comércio de alimentos empenha-se para o bem-estar animal Na Alemanha, mas também em outros países europeus, um critério ético de consumo em particular tem ganhado força nos últimos dois anos: o bem-estar animal. Devido a um intenso debate nos meios de comunicação, os consumidores estão cada vez mais preocupados com o tratamento que se tem dado aos animais de criação, como porcos e galinhas. Por esta razão, o comércio alemão de alimentos, juntamente com parceiros da agricultura e do processamento de carne, lançou este ano a "Iniciativa para o bem-estar animal". Por ano, o comércio alemão de alimentos investe 85 milhões de euros nos fundos para o bem-estar animal. Este dinheiro é pago a agricultores para o melhoramento das condições de alojamento de seus animais. Concorrência qualitativa no comércio de alimentos vem ganhando importância Para o comércio de alimentos hoje em dia, a expansão da oferta de produtos de alta qualidade vem ganhando uma grande importância na estratégia corporativa. Segundo o instituto de pesquisas Planet Retail, as 20 maiores empresas a nível mundial geraram juntas um volume de negócios bruto de cerca de 2,1 trilhões de dólares em Em 2017, este valor deverá ser de mais de 2,5 trilhões de dólares. Para as 5 maiores empresas de alimentos na Alemanha, a Planet Retail prevê para este mesmo período um crescimento de 20 por cento no volume de negócios. Se somarmos os volumes de vendas mundiais do Grupo Schwarz, com os supermercados Kaufland e Lidl, do Grupo Aldi, do Grupo Metro, bem como das cadeias de supermercados Rewe e Edeka juntos, isto resultará em um total de quase 482 bilhões de dólares. Pelo menos na Alemanha, prevê-se que este crescimento não se deverá ao aumento da quantidade de produtos alimentícios comprados - pelo contrário. De acordo com a Sociedade para Pesquisa do Consumo, já há alguns anos que os consumidores alemães têm ido menos frequentemente às compras em supermercados e a venda de alimentos no comércio varejista vem declinando. Os clientes compram cada vez menos produtos alimentares básicos e preparam cada vez menos as refeições por conta própria. Em contrapartida, o consumo de alimentos fora de casa aumentou. Com isso, as empresas de catering na Alemanha aumentaram seu volume de negócios entre 2003 e 2013 em 23 por cento, para 6,9 bilhões de euros líquidos. Aumento da porcentagem em conveniências As razões para esse desenvolvimento são diversificadas. O número de pessoas empregadas na Alemanha vem aumentando a cada ano. Cada vez mais mulheres trabalham em tempo 3

4 integral. Cada vez mais crianças passam o dia sob os cuidados de uma creche. O tempo no trabalho em si, bem como o tempo que se gasta para chegar ao trabalho também aumentaram. O resultado disso é que mais pessoas não fazem mais suas refeições principais em casa. Com isso, as habilidades de preparar refeições por conta própria também vêm diminuindo. Simplificando: pessoas que trabalham demasiadamente e que estão sempre fora de casa desaprendem a cozinhar. A contra-tendência para este desenvolvimento é a compensação da perda de tempo por parte dos consumidores ao desfrutarem algo em casa. Aqueles que ainda cozinham em casa preferem cada vez mais ingredientes de alta qualidade, porém fáceis de cozinhar. O comércio de alimentos vem operando esta tendências com duas estratégias: apostando na qualidade e em produtos pré-prontos. No que diz respeito à qualidade, os supermercados pontuam principalmente com a grande seleção em produtos frescos e sustentáveis, com instalações de loja de alta qualidade e com aconselhamentos a clientes através do pessoal especializado. Mas as lojas de desconto, os chamados Discounters, também vêm se recuperando neste ponto. Estas lojas têm expandido a oferta de frutas e verduras frescas, de produtos regionais e orgânicos, bem como de produtos oriundos do comércio justo. Elas oferecem produtos de padaria e confeitaria frescos e investem na modernização de suas lojas. Marcas próprias pontuam em qualidade e preço As marcas próprias das empresas também desempenham um papel importante na estratégia de qualidade. Segundo a Private Label Manufacturer Association, a participação no mercado das marcas próprias nas vendas de produtos entre 2010 e 2013 aumentou de sete para 44 por cento na Alemanha. Este aumento é devido principalmente ao fato de que a qualidade das marcas próprias tem melhorado. De acordo com uma pesquisa recente da empresa de consultoria metrixlab, em colaboração com o jornal especializado alemão Lebensmittel Zeitung do ano de 2014, nove entre dez clientes de supermercados na Alemanha acreditam que as marcas próprias atualmente já alcançaram o nível de qualidade e apresentação dos produtos de marca. As marcas próprias das redes de supermercado disponibilizados nos "Discounters" pontuam principalmente em qualidade e na ótima relação custo-benefício. Em especial, os clientes consideram as edições especiais dos produtos dos Discounters para datas festivas, como o Natal e a Páscoa, como sendo uma variedade convidativa, atraente e de alta qualidade em relação ao sortimento normal. Restaurantes-ilhas como fator de diferenciação A estratégia de qualidade dos Discounters fez com que eles se aproximassem cada vez mais do modelo de negócio dos supermercados. A fim de continuar a distinguir os clientes na concorrência feroz, os supermercados vêm melhorando desde alguns anos seus perfis em relação à qualidade. Isto inclui, em particular, o desenvolvimento de conceitos gastronômico de alta qualidade. Como os consumidores estão cada vez mais fazendo suas refeições fora de casa, operadores de supermercados tem instalado cada vez mais restaurantes-ilhas em suas lojas. Aqui são oferecidos aos clientes café da manhã e almoço. Neste caso se trata, em parte, de 4

5 ofertas gastronômicas de alta qualidade. Assim, a comida é preparada na hora, em uma cozinha aberta, diante dos olhos do cliente. Além disso, os operadores de supermercados procuram atrair os clientes com ofertas de cursos de culinária. Comércio online de alimentos: uma tendência do futuro Olhando para o futuro, os comércios de alimentos na Alemanha não deverão apenas garantir, mas tentar atrair cada vez com mais frequência os clientes para suas lojas, através de uma oferta de alta qualidade e de fácil acesso. As empresas também irão cada vez mais fazer entregas de alimentos para os clientes. O comércio online de alimentos na Alemanha ainda está sujeito à expansões, porém as empresas não podem deixar esta tendência esfriar. De acordo com uma pesquisa recente da consultoria de gestão AT Kearney e da Universidade de Colônia, 82 por cento dos consumidores nunca haviam encomendado produtos alimentares pela internet até Em 2014, esta proporção caiu para 62 por cento. A proporção dos que tentaram uma vez aumentou de oito para 13 por cento. Sete por cento dos consumidores compraram alimentos na internet quatro a oito vezes em Em 2012, este número ainda era de um por cento. O volume de negócios do comércio online de alimentos na Alemanha também encontra-se correspondentemente baixo. Um grupo de empresas informou ao provedor de internet Yahoo um volume de negócios de 1,45 bilhões de euros para Para 2016 espera-se um volume de negócios de 2,5 bilhões de euros. Em outros mercados, a importância do comércio online de alimentos já é muito maior. Na França, o cálculo do Yahoo aponta para um volume de negócios de 6,7 bilhões de euros. Na Grã-Bretanha foram negociados 7,8 bilhões de euros e nos EUA, estes números chegaram a 11,7 bilhões de euros. Também nestes mercados, de acordo com as previsões, o volume de negócios no comércio online de alimentos irá crescer fortemente: na França para 10,6 bilhões, na Grã-Bretanha para 13,7 bilhões e os EUA para 16,5 bilhões de euros. Regulamento de informação alimentar regula nova rotulagem Para encerrar, mais uma informação sobre uma importante alteração na legislação alimentar da União Europeia. Desde 13 de dezembro de 2014 entrou em vigor o regulamento de informação alimentar (LMIV). Com esta lei, a rotulagem dos alimentos foi completamente retrabalhada. Eis alguns exemplos: a fim de melhorar a legibilidade do rótulo dos alimentos, foi introduzido um limite para o tamanho mínimo da fonte. Alérgenos que possam estar contidos no produto devem ser destacados na lista de ingredientes. Carnes suínas, ovinas, caprinas e de aves não processadas e pré-embaladas deverão possuir indicação de origem. Estas e outras novas regras de rotulagem também se aplicam, claro, para os produtos importados para a UE. A BVLH também estará disponível na Anuga 2015 como fonte de informação para os visitantes para discutir questões de cooperação internacional. Como tem sido de costume nos últimos anos, você poderá nos encontrar na Mittelboulevard, entre os pavilhões 4, 5 e 10. Nós estamos ansiosos pela sua visita e lhe desejamos hoje mesmo uma boa viagem a Colônia. 5

6 Franz Rausch, Diretor executivo 6

C&A aumenta quota de mercado na Europa em 2011

C&A aumenta quota de mercado na Europa em 2011 Comunicado de Imprensa Abril 2012 Empresa cresce e continua a investir C&A aumenta quota de mercado na Europa em 2011 Investimentos em atuais e novas lojas Aposta nas lojas on-line Aumento nas vendas de

Leia mais

90,5% dos perfis de TI disponível para mobilidade profissional

90,5% dos perfis de TI disponível para mobilidade profissional Michael Page lança Barómetro de TI 90,5% dos perfis de TI disponível para mobilidade profissional Lisboa, 21 de Julho de 2015 A Michael Page, empresa líder em recrutamento de quadros médios e superiores,

Leia mais

COMPETITIVIDADE: DESENVOLVIMENTO PRÓXIMOS ANOS? COMO SERÁ O DO SEU NEGÓCIO NOS. Sussumu Honda

COMPETITIVIDADE: DESENVOLVIMENTO PRÓXIMOS ANOS? COMO SERÁ O DO SEU NEGÓCIO NOS. Sussumu Honda REFLEXÕES SOBRE A COMPETITIVIDADE: COMO SERÁ O DESENVOLVIMENTO DO SEU NEGÓCIO NOS PRÓXIMOS ANOS? Sussumu Honda 2013: O MUNDO Perspectivas Globais RECUPERAÇÃO GRADATIVA COM GRANDES MUDANÇAS Perspectivas

Leia mais

Pesquisa do ManpowerGroup revela declínio nas expectativas de contratações no Brasil

Pesquisa do ManpowerGroup revela declínio nas expectativas de contratações no Brasil EMBARGOED UNTIL TUESDAY JUNE 09, 2015 AT 00.01 EST Pesquisa do ManpowerGroup revela declínio nas expectativas de contratações no Brasil A expectativa de contratação no Brasil chega a -3% para o próximo

Leia mais

Panorama Mundial (2013)

Panorama Mundial (2013) Panorama Mundial (2013) Produção mundial alcançou US$ 444 bilhões em 2013; Mesmo com os efeitos da crise internacional, registra 85% de crescimento desde 2004, a uma taxa média de 7% ao ano; 54% da produção

Leia mais

Relatório Econômico Mensal Março de 2015. Turim Family Office & Investment Management

Relatório Econômico Mensal Março de 2015. Turim Family Office & Investment Management Relatório Econômico Mensal Março de 2015 Turim Family Office & Investment Management ESTADOS UNIDOS TÓPICOS ECONOMIA GLOBAL Economia Global: EUA: Fed e Curva de Juros...Pág.3 Europa: Melhora dos Indicadores...Pág.4

Leia mais

Um parceiro de confiança / www.portugalglobal.pt BRASIL

Um parceiro de confiança / www.portugalglobal.pt BRASIL BRASIL Tendências de Mercado CURTO E MÉDIO PRAZO Contração do PIB de -0,5% para -1,1% e do PIB per capita (-0,4%) Aumento da taxa de inflação de 6,3% para 7,6% Aumento da taxa de desemprego de 4,8% para

Leia mais

1. THE GROUP TODAY INDEX 1. O GRUPO HOJE 2. VISÃO ESTRATÉGICA

1. THE GROUP TODAY INDEX 1. O GRUPO HOJE 2. VISÃO ESTRATÉGICA 1 INDEX 1. O GRUPO HOJE 2. VISÃO ESTRATÉGICA 3. PRIORIDADES ESTRATÉGICAS 3.1 Concretizar o Potencial da Biedronka 3.2 Assegurar o Crescimento de Longo Prazo 1. THE GROUP TODAY 4. EXPLORAR TODO O POTENCIAL

Leia mais

Conjuntura Macroeconômica e Setorial

Conjuntura Macroeconômica e Setorial Conjuntura Macroeconômica e Setorial O ano de 2012 foi um ano desafiador para a indústria mundial de carnes. Apesar de uma crescente demanda por alimentos impulsionada pela contínua expansão da renda em

Leia mais

Empresas aéreas continuam a melhorar a rentabilidade Margem de lucro líquida de 5,1% para 2016

Empresas aéreas continuam a melhorar a rentabilidade Margem de lucro líquida de 5,1% para 2016 COMUNICADO No: 58 Empresas aéreas continuam a melhorar a rentabilidade Margem de lucro líquida de 5,1% para 2016 10 de dezembro de 2015 (Genebra) - A International Air Transport Association (IATA) anunciou

Leia mais

Síntese da Conjuntura do Sector Elétrico e Eletrónico

Síntese da Conjuntura do Sector Elétrico e Eletrónico Síntese da Conjuntura do Sector Elétrico e Eletrónico 2º Trimestre de 2015 Recuperação sustentada do crescimento 1. Conjuntura Sectorial Nota: Os índices que se seguem resultam da média aritmética das

Leia mais

O POTENCIAL DE MERCADO PARA O CHOCOLATE. Abril/ 2014

O POTENCIAL DE MERCADO PARA O CHOCOLATE. Abril/ 2014 O POTENCIAL DE MERCADO PARA O CHOCOLATE Abril/ 2014 Brasil Dados do Mercado de Chocolates -3º maior mercado de chocolates do mundo (Fonte: Caobisco) Geração de empregos - 33 mil empregos diretos anuais

Leia mais

Setor de Panificação e Confeitaria

Setor de Panificação e Confeitaria Setor de Panificação e Confeitaria Em 2014 o setor de Panificação e Confeitaria brasileiro cresceu 8,02%e faturou R$ 82,5 bilhões. Desde 2010, o mercado vem registrando uma desaceleração. Setor de Panificação

Leia mais

Palestra: Macroeconomia e Cenários. Prof. Antônio Lanzana 2012

Palestra: Macroeconomia e Cenários. Prof. Antônio Lanzana 2012 Palestra: Macroeconomia e Cenários Prof. Antônio Lanzana 2012 ECONOMIA MUNDIAL E BRASILEIRA SITUAÇÃO ATUAL E CENÁRIOS SUMÁRIO I. Cenário Econômico Mundial II. Cenário Econômico Brasileiro III. Potencial

Leia mais

Por dentro do mercado de médio porte: Uma perspectiva para 2011

Por dentro do mercado de médio porte: Uma perspectiva para 2011 Janeiro 2011 Exclusivamente para empresas de médio porte Por dentro do mercado de médio porte: Uma perspectiva para 2011 Relatório para o Brasil Panorama global: Pesquisa com 2.112 líderes do mercado de

Leia mais

Maxi Indicadores de Desempenho da Indústria de Produtos Plásticos do Estado de Santa Catarina Relatório do 4º Trimestre 2011 Análise Conjuntural

Maxi Indicadores de Desempenho da Indústria de Produtos Plásticos do Estado de Santa Catarina Relatório do 4º Trimestre 2011 Análise Conjuntural Maxi Indicadores de Desempenho da Indústria de Produtos Plásticos do Estado de Santa Catarina Relatório do 4º Trimestre 2011 Análise Conjuntural O ano de 2011 foi marcado pela alternância entre crescimento,

Leia mais

Pesquisa. Intenção de

Pesquisa. Intenção de Pesquisa SPC BRASIL: Intenção de Compras para o Natal Novembro/2013 Pesquisa do SPC Brasil revela que brasileiros pretendem gastar mais e comprar mais presentes neste Natal Se depender dos consumidores

Leia mais

Por que o Agronegócio é o Negócio do Brasil?

Por que o Agronegócio é o Negócio do Brasil? Por que o Agronegócio é o Negócio do Brasil? Prof. Samuel Ribeiro Giordano, Dr.Sc. Coordenador de Projetos do Pensa Programa de Agronegócios da Universidade de São Paulo-Brasil srgiorda@usp.br www.fia.com.br/pensa

Leia mais

AGRÍCOLA NO BRASIL. Prefácio. resultados do biotecnologia: Benefícios econômicos da. Considerações finais... 7 L: 1996/97 2011/12 2021/22...

AGRÍCOLA NO BRASIL. Prefácio. resultados do biotecnologia: Benefícios econômicos da. Considerações finais... 7 L: 1996/97 2011/12 2021/22... O OS BENEFÍCIOS ECONÔMICOS DA BIOTECNOLOGIA AGRÍCOLA NO BRASIL L: 1996/97 2011/12 O caso do algodão geneticamente modificado O caso do milho geneticamente modificado O caso da soja tolerante a herbicida

Leia mais

O PAPEL DA AGRICULTURA. Affonso Celso Pastore

O PAPEL DA AGRICULTURA. Affonso Celso Pastore O PAPEL DA AGRICULTURA Affonso Celso Pastore 1 1 Uma fotografia do setor agrícola tirada em torno de 195/196 Entre 195 e 196 o Brasil era um exportador de produtos agrícolas com concentração em algumas

Leia mais

Imagem Corporativa Marta Telles marta.telles@imagemcorporativa.com.br Tel: (11) 3526-4508. Márcia Avruch marcia.avruch@br.pwc.com Tel.

Imagem Corporativa Marta Telles marta.telles@imagemcorporativa.com.br Tel: (11) 3526-4508. Márcia Avruch marcia.avruch@br.pwc.com Tel. Press Release Date 1º de outubro de 2013 Contato Imagem Corporativa Marta Telles marta.telles@imagemcorporativa.com.br Tel: (11) 3526-4508 Márcia Avruch marcia.avruch@br.pwc.com Tel. (11) 3674-3760 Pages

Leia mais

SINAIS POSITIVOS TOP 20 (atualizado a 10JUL2014)

SINAIS POSITIVOS TOP 20 (atualizado a 10JUL2014) SINAIS POSITIVOS TOP 20 (atualizado a 10JUL2014) 1. Taxa de Desemprego O desemprego desceu para 14,3% em maio, o que representa um recuo de 2,6% em relação a maio de 2013. Esta é a segunda maior variação

Leia mais

CFO Panorama Global dos Negócios Cenário Favorável no Brasil em 2013.

CFO Panorama Global dos Negócios Cenário Favorável no Brasil em 2013. CFO Panorama Global dos Negócios Cenário Favorável no Brasil em 2013. ------------------------------------------- DUKE UNIVERSITY NEWS e FGV Notícias Duke University Office of News & Communications http://www.dukenews.duke.edu

Leia mais

UM MERCADO EM CRESCIMENTO CONHEÇA AS OPORTUNIDADES E COMO PARTICIPAR

UM MERCADO EM CRESCIMENTO CONHEÇA AS OPORTUNIDADES E COMO PARTICIPAR FOOD SERVICE UM MERCADO EM CRESCIMENTO CONHEÇA AS OPORTUNIDADES E COMO PARTICIPAR I-INTRODUÇÃO AO MERCADO DE FOOD SERVICE INTRODUÇÃO Mercado que envolve toda a cadeia de produção e distribuição de alimentos,

Leia mais

Economia Móvel América Latina 2013 Sumário Executivo

Economia Móvel América Latina 2013 Sumário Executivo Economia Móvel América Latina 2013 Sumário Executivo Economia Móvel América Latina 2013 A GSMA representa os interesses da indústria mundial de comunicações móveis. Presente em mais de 220 países, a GSMA

Leia mais

Texto para Coluna do NRE-POLI na Revista Construção e Mercado Pini Outubro 2014

Texto para Coluna do NRE-POLI na Revista Construção e Mercado Pini Outubro 2014 Texto para Coluna do NRE-POLI na Revista Construção e Mercado Pini Outubro 2014 A Evolução do Funding e as Letras Imobiliárias Garantidas Filipe Pontual Diretor Executivo da ABECIP O crédito imobiliário

Leia mais

MERCADO DE MEIOS ELETRÔNICOS DE PAGAMENTO POPULAÇÃO E COMÉRCIO - ANO V. Indicador de atividade da micro e pequena indústria de São Paulo.

MERCADO DE MEIOS ELETRÔNICOS DE PAGAMENTO POPULAÇÃO E COMÉRCIO - ANO V. Indicador de atividade da micro e pequena indústria de São Paulo. 1 MERCADO DE MEIOS ELETRÔNICOS DE PAGAMENTO POPULAÇÃO E COMÉRCIO - ANO V Indicador de atividade da micro e pequena indústria de São Paulo Maio/ 2014 Metodologia 2 Metodologia 3 Técnica Pesquisa quantitativa,

Leia mais

{ 2 } Parque Tecnológico Capital Digital

{ 2 } Parque Tecnológico Capital Digital { 2 } Parque Tecnológico Capital Digital { 3 } 1. INTRODUÇÃO: PARQUE TECNOLÓGICO CAPITAL DIGITAL - PTCD Principal polo de desenvolvimento Científico, Tecnológico e de Inovação do Distrito Federal, o PTCD

Leia mais

Travelport adquire Hotelzon para liderar crescimento no segmento hoteleiro

Travelport adquire Hotelzon para liderar crescimento no segmento hoteleiro NEWS RELEASE Travelport adquire Hotelzon para liderar crescimento no segmento hoteleiro Langley, Reino Unido, 12 de junho de 2014: A Travelport, empresa líder no segmento de comércio de viagens, que oferece

Leia mais

Boletim Econômico Edição nº 89 novembro de 2014 Organização: Maurício José Nunes Oliveira Assessor econômico

Boletim Econômico Edição nº 89 novembro de 2014 Organização: Maurício José Nunes Oliveira Assessor econômico Boletim Econômico Edição nº 89 novembro de 2014 Organização: Maurício José Nunes Oliveira Assessor econômico Crise não afeta lucratividade dos principais bancos no Brasil 1 Lucro dos maiores bancos privados

Leia mais

Presente ruim e futuro econômico desanimador para a construção civil

Presente ruim e futuro econômico desanimador para a construção civil CONFEDERAÇÃO NACIONAL DOS TRABALHADORES NAS INDÚSTRIAS DA CONSTRUÇÃO E DO MOBILIÁRIO RECONHECIDA NOS TERMOS DA LEGISLAÇÃO VIGENTE EM 16 DE SETEMBRO DE 2010 Estudo técnico Edição nº 17 outubro de 2014 Organização:

Leia mais

Apresentação dos convidados e do moderador. Como vai a vida. O que está acontecendo de bom e de ruim.

Apresentação dos convidados e do moderador. Como vai a vida. O que está acontecendo de bom e de ruim. PESQUISA SEGUROS ROTEIRO 1. Abertura da reunião Apresentação dos convidados e do moderador 2. Aquecimento Como vai a vida. O que está acontecendo de bom e de ruim. Está dando para viver? 3. Valores (espontâneo)

Leia mais

Kevin Anselmo (Duke) +1-919-660-7722 kevin.anselmo@duke.edu. CFOs: Queda no Otimismo Preocupação com Câmbio e Política Econômica

Kevin Anselmo (Duke) +1-919-660-7722 kevin.anselmo@duke.edu. CFOs: Queda no Otimismo Preocupação com Câmbio e Política Econômica CFO Panorama Global dos Negócios Queda acentuada do otimismo no Brasil, preocupação com câmbio e alta da taxa de juros estão entre os principais resultados da pesquisa. -------------------------------------------

Leia mais

Tramita no Congresso Nacional a Proposta de Emenda

Tramita no Congresso Nacional a Proposta de Emenda Redução da jornada de trabalho - Mitos e verdades Apresentação Jornada menor não cria emprego Tramita no Congresso Nacional a Proposta de Emenda à Constituição 231/95 que reduz a jornada de trabalho de

Leia mais

Impáctos da Crise Econômia nos Sistemas de Saúde na Europa e Estados Unidos (2008-2013)

Impáctos da Crise Econômia nos Sistemas de Saúde na Europa e Estados Unidos (2008-2013) Impáctos da Crise Econômia nos Sistemas de Saúde na Europa e Estados Unidos (2008-2013) André Medici Congresso Internacional de Serviços de Saúde (CISS) Feira Hospitalar São Paulo (SP) 23 de Maio de 2013

Leia mais

A nova classe média vai às compras

A nova classe média vai às compras A nova classe média vai às compras 18 KPMG Business Magazine Cenário é positivo para o varejo, mas empresas precisam entender o perfil do novo consumidor Nos últimos anos o mercado consumidor brasileiro

Leia mais

O Mercado americano de Tecnologia 2014/2015

O Mercado americano de Tecnologia 2014/2015 O Mercado americano de Tecnologia 2014/2015 1. Considerações Gerais Os Estados Unidos, maior potência mundial e tecnológica, apresenta projeções cada vez mais otimistas. Desde 2008, no estouro da crise

Leia mais

Desempenho do Comércio Exterior Paranaense Junho 2010

Desempenho do Comércio Exterior Paranaense Junho 2010 Depenho do Comércio Exterior Paranaense Junho 2010 As exportações em junho apresentaram redução de 8,57% sobre maio após expansão por quatro meses consecutivos. Desta forma, supera a marca de US$ 1 bilhão

Leia mais

A Indústria de Alimentação

A Indústria de Alimentação A Indústria de Alimentação 61 A indústria brasileira de alimentação está inserida na cadeia do agronegócio e representa parte significativa do PIB. O texto aponta as características do setor, seu desempenho

Leia mais

ÉTICA E LEGISLAÇÃO PROFISSIONAL MÓDULO 5

ÉTICA E LEGISLAÇÃO PROFISSIONAL MÓDULO 5 ÉTICA E LEGISLAÇÃO PROFISSIONAL MÓDULO 5 Índice 1. Direito Civil - Continuação...3 1.1. O Estatuto das Pequenas e Médias Empresas... 3 1.1.1. Origem e Evolução das Micro e Pequenas Empresas no Brasil...

Leia mais

Pequenas e Médias Empresas no Canadá. Pequenos Negócios Conceito e Principais instituições de Apoio aos Pequenos Negócios

Pequenas e Médias Empresas no Canadá. Pequenos Negócios Conceito e Principais instituições de Apoio aos Pequenos Negócios Pequenas e Médias Empresas no Canadá Pequenos Negócios Conceito e Principais instituições de Apoio aos Pequenos Negócios De acordo com a nomenclatura usada pelo Ministério da Indústria do Canadá, o porte

Leia mais

Crescimento Econômico Brasileiro e o temor da Inflação

Crescimento Econômico Brasileiro e o temor da Inflação BRICS Monitor #4 V.1 n 4 Crescimento Econômico Brasileiro e o temor da Inflação Fevereiro de 2011 Núcleo de Análises de Economia e Política dos Países BRICS BRICS Policy Center / Centro de Estudos e Pesquisa

Leia mais

Desempenho do Comércio Exterior Paranaense Maio 2012

Desempenho do Comércio Exterior Paranaense Maio 2012 Desempenho do Comércio Exterior Paranaense Maio 2012 As exportações em maio apresentaram aumento de +39,13% em relação a abril, continuando a superar a marca de US$ 1 bilhão, agora pela décima-sexta vez

Leia mais

Workshop - Mercado Imobiliário

Workshop - Mercado Imobiliário Workshop - Mercado Imobiliário Workshop - Mercado Imobiliário Workshop - Mercado Imobiliário 1. O que está acontecendo com o Brasil? 2. Por que o Brasil é a bola da vez? 3. Por que o Mercado imobiliário

Leia mais

Planejamento de Marketing

Planejamento de Marketing PARTE II - Marketing Estratégico - Nessa fase é estudado o mercado, o ambiente em que o plano de marketing irá atuar. - É preciso descrever a segmentação de mercado, selecionar o mercado alvo adequado

Leia mais

Press Conference. Speech. Anuga 2015. 09.04.2015, 11:00 a.m., Restaurante Parque São Lourenço, São Paulo

Press Conference. Speech. Anuga 2015. 09.04.2015, 11:00 a.m., Restaurante Parque São Lourenço, São Paulo Speech Press Conference Anuga 2015 09.04.2015, 11:00 a.m., Restaurante Parque São Lourenço, São Paulo Discursos de Katharina C. Hamma, diretora da Koelnmesse GmbH Prezadas senhoras, prezados senhores,

Leia mais

Mais um ano de transição

Mais um ano de transição Mais um ano de transição Boas perspectivas de crescimento nos países emergentes, estagnação na Europa Ocidental, recuperação lenta nos Estados Unidos e avanço das montadoras alemãs e asiáticas devem caracterizar

Leia mais

Capítulo 03 Mercados regionais

Capítulo 03 Mercados regionais Capítulo 03 Mercados regionais As organizações decidem atuar no mercado global quando sabem que o crescimento externo será maior do que o interno. Nesse sentido, a China é um dos mercados para onde as

Leia mais

A DISTRIBUIÇÃO ALIMENTAR NOS EMIRADOS ARABES UNIDOS

A DISTRIBUIÇÃO ALIMENTAR NOS EMIRADOS ARABES UNIDOS A DISTRIBUIÇÃO ALIMENTAR NOS EMIRADOS ARABES UNIDOS Os mercados árabes oferecem excelentes oportunidades para o sector alimentar nacional. Para ampliar as possibilidades de sucesso, os produtos devem se

Leia mais

Relatório de País Brasil

Relatório de País Brasil Education at a Glance 2011 Indicadores da OECD DOI: http://dx.doi.org/10.1787/eag-2011-en OECD 2011 Sob embargo até 13 de setembro, 11h, horário de Paris Relatório de País Brasil Quaisquer dúvidas, contate:

Leia mais

Comitê de Investimentos 07/12/2010. Robério Costa Roberta Costa Ana Luiza Furtado

Comitê de Investimentos 07/12/2010. Robério Costa Roberta Costa Ana Luiza Furtado Comitê de Investimentos 07/12/2010 Robério Costa Roberta Costa Ana Luiza Furtado Experiências Internacionais de Quantitative Easing Dados do Estudo: Doubling Your Monetary Base and Surviving: Some International

Leia mais

VI Conferência Anpei: Inovação como Estratégia Competitiva

VI Conferência Anpei: Inovação como Estratégia Competitiva REVISTA DO BNDES, RIO DE JANEIRO, V. 13, N. 26, P. 303-308, DEZ. 2006 VI Conferência Anpei: Inovação como Estratégia Competitiva Data: 5 a 7 de junho de 2006 Local: Rio de Janeiro (RJ) Representante do

Leia mais

Portugal Forte crescimento no início do ano

Portugal Forte crescimento no início do ano 8 Abr ANÁLISE ECONÓMICA Portugal Forte crescimento no início do ano Miguel Jiménez / Agustín García / Diego Torres / Massimo Trento Nos primeiros meses do ano, a retoma do consumo privado teria impulsionado

Leia mais

Como criar um clube de vantagens em sua empresa

Como criar um clube de vantagens em sua empresa Como criar um clube de vantagens em sua empresa Uma publicação Introdução Atrair e reter bons funcionários no mundo competitivo atual é cada vez mais difícil e caro. Por este motivo, torna-se muito importante

Leia mais

PERSPECTIVAS DE VENDAS DE FLORES PARA O VALENTINE S DAY 2015

PERSPECTIVAS DE VENDAS DE FLORES PARA O VALENTINE S DAY 2015 PERSPECTIVAS DE VENDAS DE FLORES PARA O VALENTINE S DAY 2015 Hórtica Consultoria Neste sábado do Carnaval de 2015, 14 de fevereiro, comemora-se em boa parte do mundo especialmente nos Estados Unidos da

Leia mais

Metodologia. Pesquisa Quantitativa Coleta de dados: Público Alvo: Amostra: 500 entrevistas realizadas. Campo: 16 a 29 de Setembro de 2010

Metodologia. Pesquisa Quantitativa Coleta de dados: Público Alvo: Amostra: 500 entrevistas realizadas. Campo: 16 a 29 de Setembro de 2010 Metodologia Pesquisa Quantitativa Coleta de dados: Através de e-survey - via web Público Alvo: Executivos de empresas associadas e não associadas à AMCHAM Amostra: 500 entrevistas realizadas Campo: 16

Leia mais

PERSPECTIVAS DE VENDA DE FLORES PARA O DIA INTERNACIONAL DA MULHER 2015

PERSPECTIVAS DE VENDA DE FLORES PARA O DIA INTERNACIONAL DA MULHER 2015 PERSPECTIVAS DE VENDA DE FLORES PARA O DIA INTERNACIONAL DA MULHER 2015 Realização: Hórtica Consultoria e Inteligência de Mercado Apoio: SINDIFLORES Sindicato do Comércio Varejista de Flores e Plantas

Leia mais

Desempenho do Comércio Exterior Paranaense Novembro 2012

Desempenho do Comércio Exterior Paranaense Novembro 2012 Desempenho do Comércio Exterior Paranaense Novembro 2012 As exportações em novembro apresentaram diminuição de 27,64% em relação a outubro. Continuam a superar a marca de US$ 1 bilhão, agora pela vigésima-segunda

Leia mais

INDÚSTRIA DE ALIMENTAÇÃO ANIMAL

INDÚSTRIA DE ALIMENTAÇÃO ANIMAL INDÚSTRIA DE ALIMENTAÇÃO ANIMAL Em 2011: Registrou incremento de 5,2% Em 2011, o setor cresceu 5,2%, movimentou R$ 40 bilhões em insumos e produziu 64,5 milhões de toneladas de ração e 2,35milhões de suplementos

Leia mais

Vendas recuam, mas acumulam alta de 1,46% no ano

Vendas recuam, mas acumulam alta de 1,46% no ano Associação Brasileira de Supermercados Nº51 ECONOMIA www.abras.com.br A informação que fala direto ao seu bolso 29 de Abril de 2015 Vendas recuam, mas acumulam alta de 1,46% no ano Crescimento moderado

Leia mais

Perspectivas da Economia Brasileira

Perspectivas da Economia Brasileira Perspectivas da Economia Brasileira Márcio Holland Secretário de Política Econômica Ministério da Fazenda Caxias do Sul, RG 03 de dezembro de 2012 1 O Cenário Internacional Economias avançadas: baixo crescimento

Leia mais

por que essa rede assusta os varejistas Confira no tablet mais informações sobre a Rede Dia% agosto 2015 SM.com.br 39

por que essa rede assusta os varejistas Confira no tablet mais informações sobre a Rede Dia% agosto 2015 SM.com.br 39 p e r a T e x t o a l e s s a n d r a m o r i t a a l e s s a n d r a. m o r i t a @ s m. c o m. b r divulgaçãoo v t Lojas localizadas perto da casa do consumidor e que praticam preços difíceis de copiar.

Leia mais

RESULTADOS DE OUTUBRO DE 2013

RESULTADOS DE OUTUBRO DE 2013 1 RESULTADOS DE OUTUBRO DE 2013 Pesquisa realizada pelo Uni-FACEF em parceria com a Fe-Comércio mede o ICC (Índice de confiança do consumidor) e PEIC (Pesquisa de endividamento e inadimplência do consumidor)

Leia mais

2013 Inventta Todos os direitos reservados.

2013 Inventta Todos os direitos reservados. Agenda Quem Somos Gerindo a Inovação nas Empresas Estímulos Governamentais à Inovação Resultados da pesquisa FDC/Inventta Conclusões O GRUPO A Inventta é uma consultoria especializada em gestão da inovação,

Leia mais

Os Benefícios do Programa Nacional de Produção e Uso de Biodiesel (PNPB) para a sociedade e suas perspectivas para os próximos anos.

Os Benefícios do Programa Nacional de Produção e Uso de Biodiesel (PNPB) para a sociedade e suas perspectivas para os próximos anos. Os Benefícios do Programa Nacional de Produção e Uso de Biodiesel (PNPB) para a sociedade e suas perspectivas para os próximos anos. Industria Matéria-prima Mão de obra Saúde e Meio Ambiente Economia 2

Leia mais

IMF Survey. África deve crescer mais em meio a mudanças nas tendências mundiais

IMF Survey. África deve crescer mais em meio a mudanças nas tendências mundiais IMF Survey PERSPECTIVAS ECONÓMICAS REGIONAIS África deve crescer mais em meio a mudanças nas tendências mundiais Por Jesus Gonzalez-Garcia e Juan Treviño Departamento da África, FMI 24 de Abril de 2014

Leia mais

Boletim Benchmarking Internacional. Inteligência de Mercado

Boletim Benchmarking Internacional. Inteligência de Mercado Boletim Benchmarking Internacional Inteligência de Mercado Dezembro de 2012 Apresentação Visando contribuir para os objetivos estratégicos do SEBRAE, são apresentadas neste boletim informações relacionadas

Leia mais

ANEFAC IMA Institute of Management Accountants 1

ANEFAC IMA Institute of Management Accountants 1 ANEFAC IMA Institute of Management Accountants 1 PESQUISA DE JUROS As taxas de juros das operações de crédito voltaram a ser elevadas em janeiro/2015. Estas elevações podem ser atribuídas aos seguintes

Leia mais

Performance com Propósito. A promessa da PepsiCo

Performance com Propósito. A promessa da PepsiCo Performance com Propósito A promessa da PepsiCo Performance com Propósito A promessa da PepsiCo Na PepsiCo, Performance com Propósito significa gerar crescimento sustentável através do investimento em

Leia mais

Red Econolatin www.econolatin.com Expertos Económicos de Universidades Latinoamericanas

Red Econolatin www.econolatin.com Expertos Económicos de Universidades Latinoamericanas Red Econolatin www.econolatin.com Expertos Económicos de Universidades Latinoamericanas BRASIL Agosto 2013 Profa. Anita Kon PONTIFÍCIA UNIVERSIDADE CATÓLICA DE SÃO PAULO PROGRAMA DE ESTUDOS PÓS GRADUADOS

Leia mais

Receita do Network PwC cresce 6% e atinge US$ 34 bilhões no ano fiscal encerrado em junho

Receita do Network PwC cresce 6% e atinge US$ 34 bilhões no ano fiscal encerrado em junho Press release Data Contato EMBARGO 00h01min (horário Brasília) Terça-feira, 7 de outubro de 2014 Márcia Avruch Tel: +55 11 3674 3760 Email: marcia.avruch@br.pwc.com Pages 4 Receita do Network PwC cresce

Leia mais

Saudabilidade no Food Service. Tendências

Saudabilidade no Food Service. Tendências Saudabilidade no Food Service Tendências Introdução ao Mercado de Food Service Introdução Mercado que envolve toda a cadeia de produção e distribuição de alimentos, bebidas, insumos, equipamentos e serviços

Leia mais

ALIMENTOS TRANSGÊNICOS E BIOSSEGURANÇA

ALIMENTOS TRANSGÊNICOS E BIOSSEGURANÇA 1 ALIMENTOS TRANSGÊNICOS E BIOSSEGURANÇA Luiz Carlos Bresser Pereira Ministro da Ciência e Tecnologia Trabalho escrito maio de 1999 para ser publicado no site do MCT. O País presencia hoje intenso debate

Leia mais

Relatório Econômico Mensal Agosto 2011

Relatório Econômico Mensal Agosto 2011 Relatório Econômico Mensal Agosto 2011 Tópicos Economia Americana: Confiança em baixa Pág.3 EUA X Japão Pág. 4 Mercados Emergentes: China segue apertando as condições monetárias Pág.5 Economia Brasileira:

Leia mais

www.petitegourmet.com.br Costantino Mariella Fabio Motta de Almeida Julio Camargo Manuel Almeida Marcela Cassiolato Rodrigo Botinhão

www.petitegourmet.com.br Costantino Mariella Fabio Motta de Almeida Julio Camargo Manuel Almeida Marcela Cassiolato Rodrigo Botinhão www.petitegourmet.com.br Costantino Mariella Fabio Motta de Almeida Julio Camargo Manuel Almeida Marcela Cassiolato Rodrigo Botinhão Necessidade do Negócio Projeto baseado na necessidade do Grupo Busca

Leia mais

O CICLO DE VIDA DOS PRODUTOS E A GESTÃO ESTRATÉGICA DAS EMPRESAS. Trabalho elaborado por: Ana Cristina de Sousa Pereira Bruno Miguel Q. E.

O CICLO DE VIDA DOS PRODUTOS E A GESTÃO ESTRATÉGICA DAS EMPRESAS. Trabalho elaborado por: Ana Cristina de Sousa Pereira Bruno Miguel Q. E. O CICLO DE VIDA DOS PRODUTOS E A GESTÃO ESTRATÉGICA DAS EMPRESAS Trabalho elaborado por: Ana Cristina de Sousa Pereira Bruno Miguel Q. E. Marques O CICLO DE VIDA DOS PRODUTOS O ciclo de vida dos produtos

Leia mais

Pós - Graduação Internacional em Administração

Pós - Graduação Internacional em Administração PÓS - GRADUAÇÃO INTERNACIONAL Pós - Graduação Internacional em Administração 22 a 31 de agosto de 2014 Coordenação Acadêmica: Prof. Pedro Carvalho de Mello Convênio.................... 3 Apresentação...................

Leia mais

C&M CENÁRIOS 8/2013 CENÁRIOS PARA A ECONOMIA INTERNACIONAL E BRASILEIRA

C&M CENÁRIOS 8/2013 CENÁRIOS PARA A ECONOMIA INTERNACIONAL E BRASILEIRA C&M CENÁRIOS 8/2013 CENÁRIOS PARA A ECONOMIA INTERNACIONAL E BRASILEIRA HENRIQUE MARINHO MAIO DE 2013 Economia Internacional Atividade Econômica A divulgação dos resultados do crescimento econômico dos

Leia mais

Como criar um clube de vantagens para seus clientes

Como criar um clube de vantagens para seus clientes Como criar um clube de vantagens para seus clientes Introdução Adquirir clientes no mundo competitivo atual é cada vez mais difícil e caro. Por este motivo, torna-se muito importante ações que fidelize

Leia mais

Orgânicos e desenvolvimento sustentável

Orgânicos e desenvolvimento sustentável Orgânicos e desenvolvimento sustentável SÉRGIO ANGHEBEN Gestor do Programa Desenvolvimento Rural Sustentável da Itaipu Binacional A princípio, gostaria de chamar atenção no quadro 1 para a área plantada

Leia mais

A Redução do Fluxo de Investimento Estrangeiro Direto e as Implicações para o Brasil

A Redução do Fluxo de Investimento Estrangeiro Direto e as Implicações para o Brasil A Redução do Fluxo de Investimento Estrangeiro Direto e as Implicações para o Brasil Análise Economia e Comércio Bernardo Erhardt de Andrade Guaracy 30 de outubro de 2003 A Redução do Fluxo de Investimento

Leia mais

As Ferramentas e Opções do Varejo no Mercado de FLV

As Ferramentas e Opções do Varejo no Mercado de FLV As Ferramentas e Opções do Varejo no Mercado de FLV Luiz Claudio Haas Diretor Comercial de Frutas, Legumes e Verduras Agosto 2014 Por que o agronegócio é importante mundialmente? 100% da população depende

Leia mais

Bom dia, Senhoras e Senhores. Introdução

Bom dia, Senhoras e Senhores. Introdução Bom dia, Senhoras e Senhores Introdução Gostaria de começar por agradecer o amável convite que o Gabinete do Parlamento Europeu em Lisboa me dirigiu para participar neste debate e felicitar os organizadores

Leia mais

Conjuntura da Construção n.º 36. Construção em 2009 verificou dois andamentos

Conjuntura da Construção n.º 36. Construção em 2009 verificou dois andamentos Associações Filiadas: AECOPS Associação de Empresas de Construção e Obras Públicas e Serviços AICCOPN Associação dos Industriais da Construção Civil e Obras Públicas ANEOP Associação Nacional dos Empreiteiros

Leia mais

RELATÓRIO E CONTAS BBVA BOLSA EURO

RELATÓRIO E CONTAS BBVA BOLSA EURO RELATÓRIO E CONTAS BBVA BOLSA EURO 30 JUNHO 20 1 BREVE ENQUADRAMENTO MACROECONÓMICO 1º semestre de 20 No contexto macroeconómico, o mais relevante no primeiro semestre de 20, foi a subida das taxas do

Leia mais

Análise Mensal do Comércio Varejista de Belo Horizonte

Análise Mensal do Comércio Varejista de Belo Horizonte Março/15 A mostra o desempenho dos negócios do comércio no mês de Fevereiro/2015 e identifica a percepção dos empresários para o mês de Março/2015. Neste mês, 20,8% dos empresários conseguiram aumentar

Leia mais

Conjuntura da Construção n.º 77 O SETOR CONTINUA EM CRISE MAS EMPRESÁRIOS ACREDITAM NA RECUPERAÇÃO

Conjuntura da Construção n.º 77 O SETOR CONTINUA EM CRISE MAS EMPRESÁRIOS ACREDITAM NA RECUPERAÇÃO FEPICOP - FEDERAÇÃO PORTUGUESA DA INDÚSTRIA DA CONSTRUÇÃO E OBRAS PÚBLICAS Associações Filiadas: AECOPS Associação de Empresas de Construção e Obras Públicas e Serviços AICCOPN Associação dos Industriais

Leia mais

Sumário executivo. ActionAid Brasil Rua Morais e Vale, 111 5º andar 20021-260 Rio de Janeiro - RJ Brasil

Sumário executivo. ActionAid Brasil Rua Morais e Vale, 111 5º andar 20021-260 Rio de Janeiro - RJ Brasil Sumário executivo Mais de um bilhão de pessoas sofre com as consequências da inanição é mais que a população dos Estados Unidos, Canadá e União Européia juntas. Em julho desse ano, a reunião de cúpula

Leia mais

Melhora nos indicadores da presença feminina no mercado de trabalho não elimina desigualdades

Melhora nos indicadores da presença feminina no mercado de trabalho não elimina desigualdades A INSERÇÃO DA MULHER NO MERCADO DE TRABALHO DE PORTO ALEGRE NOS ANOS 2000 Boletim Especial: Dia Internacional das Mulheres MARÇO/2010 Melhora nos indicadores da presença feminina no mercado de trabalho

Leia mais

fls. 776 Se impresso, para conferncia acesse o site http://esaj.tjsc.jus.br/esaj, informe o processo 0300287-79.2015.8.24.0175 e o cdigo 353F682.

fls. 776 Se impresso, para conferncia acesse o site http://esaj.tjsc.jus.br/esaj, informe o processo 0300287-79.2015.8.24.0175 e o cdigo 353F682. fls. 776 fls. 777 fls. 778 fls. 779 fls. 780 fls. 781 fls. 782 fls. 783 1/107 LAUDODEAVALIAÇÃO ECONÔMICA fls. 784 2/107 Códigodoimóvel NomedoImóvel Endereço Bairro Cidade UF Proprietário Documento RegistrodeImóveis

Leia mais

Relatório com os lançamentos mundiais de Embalagem em 2011

Relatório com os lançamentos mundiais de Embalagem em 2011 Relatório com os lançamentos mundiais de Embalagem em 2011 Mundo janeiro a dezembro de 2011 Pesquisa feita com base numa amostra de 257.496 embalagens lançadas no ano de 2011. No mesmo período, no ano

Leia mais

CONJUNTURA DE SAFRAS, OU MAIS DO MESMO: EXPANSÃO DA FRONTEIRA AGRÍCOLA COM SOJA EM 2015/16

CONJUNTURA DE SAFRAS, OU MAIS DO MESMO: EXPANSÃO DA FRONTEIRA AGRÍCOLA COM SOJA EM 2015/16 CONJUNTURA DE SAFRAS, OU MAIS DO MESMO: EXPANSÃO DA FRONTEIRA AGRÍCOLA COM SOJA EM 2015/16 A Companhia Nacional do Abastecimento (Conab), divulgou recentemente sua primeira estimativa para a safra brasileira

Leia mais

PECUÁRIA SUSTENTÁVEL

PECUÁRIA SUSTENTÁVEL PECUÁRIA SUSTENTÁVEL 64 anos Professor e Administrador de empresas. 42 anos atuando no Grupo Pão Açúcar MARCIO MILAN Diretor de relações governamentais GPA Vice Presidente de relações políticas e institucionais

Leia mais

Conjuntura Global Dá uma Guinada Rumo ao Desenvolvimento

Conjuntura Global Dá uma Guinada Rumo ao Desenvolvimento Volume 11, Number 4 Fourth Quarter 2009 Conjuntura Global Dá uma Guinada Rumo ao Desenvolvimento As economias pelo mundo estão emergindo da recessão, embora em diferentes velocidades. As economias em desenvolvimento

Leia mais

POSIÇÃO DA CAP EM RELAÇÃO À PARCERIA TRANSATLÂNTICA DE COMÉRCIO

POSIÇÃO DA CAP EM RELAÇÃO À PARCERIA TRANSATLÂNTICA DE COMÉRCIO 1. APRECIAÇÃO GLOBAL De acordo com o primeiro estudo de impacto da TTIP 1, estima-se que deverá ser ter um efeito positivo para a União Europeia na medida que possa conduzir: ao aumento da produção dos

Leia mais

Kit de Apoio à Gestão Pública 1

Kit de Apoio à Gestão Pública 1 Kit de Apoio à Gestão Pública 1 Índice CADERNO 3: Kit de Apoio à Gestão Pública 3.1. Orientações para a reunião de Apoio à Gestão Pública... 03 3.1.1. O tema do Ciclo 4... 03 3.1.2. Objetivo, ações básicas

Leia mais

Red Econolatin www.econolatin.com Expertos Económicos de Universidades Latinoamericanas

Red Econolatin www.econolatin.com Expertos Económicos de Universidades Latinoamericanas Red Econolatin www.econolatin.com Expertos Económicos de Universidades Latinoamericanas BRASIL Novembro 2012 Profa. Anita Kon PONTIFÍCIA UNIVERSIDADE CATÓLICA DE SÃO PAULO - PROGRAMA DE ESTUDOS PÓS- GRADUADOS

Leia mais

Fundo de Pensões BESA OPÇÕES REFORMA

Fundo de Pensões BESA OPÇÕES REFORMA Dezembro de 2013 Fundo de Pensões BESA OPÇÕES REFORMA Relatório Gestão Sumário Executivo 2 Síntese Financeira O Fundo de Pensões BESA OPÇÕES REFORMA apresenta em 31 de Dezembro de 2013, o valor de 402

Leia mais

TENDÊNCIAS E PRÁTICAS DE RECURSOS HUMANOS 2015

TENDÊNCIAS E PRÁTICAS DE RECURSOS HUMANOS 2015 TENDÊNCIAS E PRÁTICAS DE RECURSOS HUMANOS 2015 CONTEÚDO 1. Como estamos até agora? 2. O que vem por aí... 3. Prioridades do RH para 2015 4. Nossa visão de 2015 01 COMO ESTAMOS ATÉ AGORA? PERFIL DOS PARTICIPANTES

Leia mais

O incumprimento entre empresas aumenta, em comparação com 2011

O incumprimento entre empresas aumenta, em comparação com 2011 Lisboa, 29 de Maio de 2013 Estudo revela que os atrasos nos pagamentos entre empresas na região da Ásia - Pacífico se agravaram em 2012 - As empresas estão menos optimistas relativamente à recuperação

Leia mais