Bibliotecas Universitárias Brasileiras: um olhar para o futuro

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Bibliotecas Universitárias Brasileiras: um olhar para o futuro"

Transcrição

1 1 ciclo de Palestras sobre Biblioteca, Biblioteconomia e Informação Bibliotecas Universitárias Brasileiras: um olhar para o futuro Luiz Atilio Vicentini Abril 2014

2 Acesso ao Conhecimento Visão de Futuro Coleção eletrônica/digital, onde o conceito de acesso deve ter prioridade sobre a propriedade da informação. Como será a atuação da Biblioteca? 2

3 A nova Biblioteca Qual o futuro das bibliotecas Universitárias? Qual a sua real atividade na vida acadêmica? Como devemos nos preparar para uma nova Biblioteca Universitária? Nove em cada dez bibliotecas públicas norte-americanas tem empréstimo de ebooks 3

4 Panorama da Informação WEB 1991 Comunicação eletrônica era para ontem! Internet 1969 A velocidade das mudanças é impressionante. Cada nova tecnologia transforma a paisagem da informação, e está acelerando com um ritmo que não tem parada e torna-se cada vez mais incompreensível onde vamos chegar." Robert Darnton A questão dos livros: passado, presente e futuro (The case for books: past, present and future) Da escrita ao códice (livro): anos Do códice aos tipos móveis: anos Dos tipos móveis a Internet: 524 anos Da Internet aos Buscadores: 17 anos Dos buscadores aos algoritmos e armazenamento dados nas nuvens: 7 anos

5 O uso da Internet no mundo Mais dispositivos móveis do que seres humanos Fonte: 5

6 Banda Larga Cerca de 40% dos domicílios do mundo estão online. Taxa de acesso para cada 100 pessoas. Fonte: 6

7 A velocidade da Internet no mundo. Fonte: 7

8 Comportamento do usuário de dispositivos móveis por dia. Número (média) de vezes que ele verifica seu smartphone por dia. Fonte: 8

9 Softwares de Automação de Bibliotecas Nova Geração de Softwares para Bibliotecas Adeus aos sistemas de Informatização/Automação de Bibliotecas, olá aos Serviços Online das Bibliotecas Fonte: Michelângelo Viana Bibliotecário - RS

10 University libraries: 10 global portraits Library futures: Manchester University 85% of budget spent on digital content Growing need for academic skills training Library futures: American University of Nigeria Fonte:

11 A nova Biblioteca Universitária Fonte: Sue Polanka, University Libraries and the Publish Industry SNBU

12 A formação de acervos de ebooks: a experiência do CRUESP Bibliotecas Estados Unicdos aumento de 21% quantidade de pessoas que leram um livro no formato eletrônico [The rise of e-reading 21% of Americans have read an e-book]

13 Portal de Periódicos da CAPES instituições + 30 mil títulos periódicos Bases Dados referenciais + 9 Bases Patentes 13

14 Conselho de Reitores das Universidades Estaduais Paulista CRUESP cursos de graduação mil estudantes de graduação cursos de pós graduação + 60 mil estudantes de pós-graduação + 11 mil professores 50% da produção científica do país

15 Consórcio CRUESP Bibliotecas Bibliotecas: 109 USP: 44 UNESP: 36 UNICAMP: 29 Coleções: Livros: + 5,5 milhões Títulos de periódicos: + 60 mil Teses: mil Outros documentos: + 1,5 milhões ebooks: mil desde 2007 Revistas Eletrônicas (incluindo Portal Capes): + 35 mil Bases de Dados: +230 Teses online: Investimento em Coleções/Ano U$ 13 milhões 15

16 Consórcio CRUESP Bibliotecas ebooks Projeto financiado 2006/2007 Programa FAPLIVROS - Total do Projeto U$2,3 milhões Forma de aquisição: Aquisição, acesso perpétuo (85%) da coleção ( ) Assinaturas (15%) da coleção (34.000) FAPESP realizou o pagamento do primeiro ano em 2007 Contrapartida do Cruesp durante cinco anos (2013) de U$ 150 mil/ano

17 Coleções de ebooks adquiridas projeto CRUESP - FAPESP Referex (Elsevier) = 407 titulos CRC Net Base (T&F) = titulos ECCO-Eighteen Century Col. Online (Cengage) = titulos MOMW-Making of the Modern World (Cengage) = titulos OVID = 225 titulos elibro = titulos ebrary = titulos Safari (ProQuest) = 500 títulos OCLC = 990 titulos Env. Science (Elsevier) = 113 titulos Energy (Elsevier) = 35 titulos

18 Coleção Digital - UNICAMP ebooks 2007 a mil crescimento 31% em 5 anos Sabin Americana = titulos IEEE = 450 titulos Elsevier - Reference Books = titulos Springer = titulos Wiley = titulos Royal Society of Chemistry = 227 titulos Oxford = titulos. Periódicos Eletrônicos Biblioteca Digital Unicamp + 35 mil Portal CAPES + 1 mil assinatura Unicamp Bases Dado + 55 mil documentos + 42 mil teses (100% Unicamp) + 14 mil outros documentos 43 Obras Raras

19 Novos Projetos Repositório Institucional da Unicamp Biblioteca Digital da Produção Intelectual e Científica da Unicamp - BDPIC Parceria Sistemas Bibliotecas Unicamp, USP e UNESP Repositório CRUESP Plataforma DSPACE Integração Primo/ExLibris 19

20 Novos Projetos Aumento do uso das coleções eletrônicas, otimizar o acessos as fontes eletrônicas e disponibilizar as coleções de obras raras Serviço de Descoberta SUMMON Empréstimos de ebooks para graduação Serviços WEB no catálogo bibliográfico Infraestrutura para digitalização de obras raras, aquisição de scaners. Biblioteca Digital da Unicamp Obras Raras Construção de uma nova biblioteca para coleções de obras raras e especiais.

21 Uso das Coleções formato impresso UNICAMP Total Circulação Ano Ano % -38% Total Consulta Local Ano Ano % -78% Total Empréstimo Circulação Ano Ano % 26% Empréstimo Consulta Local Consulta local por tipo de material Material % 2004/2013 Livros Periódicos Teses ,36% -90,09% -95,22%

22 Uso das Coleções formato impresso UNICAMP Circulação / Acervo Livros 2013 Acervo Consulta Local Empréstimo 22

23 Uso de Coleções formato eletrônico UNICAMP Editora Wiley Journals = ebooks = Ano 2011 Ano 2012 Ano 2013

24 Uso de Coleções formato eletrônico UNICAMP Editora Spriinger Journals = Editora Elsevier Science Direct Journals =

25 Indicadores de uso de ebooks na Unicamp Editora Springer Todos títulos de ebooks da Springer Titulos publicados de 2005 a 2012 (julho) Não foram considerados titulos da coleção em Alemão 25

26 Springer Desenvolvimento da coleção e uso 26

27 Springer Desenvolvimento da coleção e uso 27

28 Springer Desenvolvimento da coleção e uso 28

29 Desenvolvimento de Coleções Atividade complexa devido a grande volume de coleções em formato eletrônico oferecido pelas editoras. O modelo de negócio dos editores. Custo das coleções necessidade de revisões frequentes dos orçamentos. Como formar as novas coleções de ebooks? Aquisição dos conteúdos com acesso perpétuo? Assinatura - acesso? Acesso multiusuário. Racionalização das coleções impressas? 29

30 RE-THINKER Sobrecarga de informação O Pensador Auguste Rodin 1902

31 Biblioteca Pública inaugurada em 03/09/13 Birminghan- Inglaterra 31

32 Biblioteca Universitária na Finlândia Universidade AalTo 32

33 33

34 34

35 1 ciclo de Palestras sobre Biblioteca, Biblioteconomia e Informação A biblioteca acadêmica de hoje não deve ser uma biblioteca sem paredes, deve ir onde seu usuário está, na sala de aula, nos laboratórios, na sua casa e principalmente no seu bolso utilizando as tecnologias de dispositivos móveis (mobile). Obrigado? Perguntas? Luiz Atilio Vicentini 35

A CBBU junto com as Bibliotecas Universitárias em um novo contexto de atuação

A CBBU junto com as Bibliotecas Universitárias em um novo contexto de atuação Reunião Diretores de Bibliotecas 26 e 27 de maio de 2014 CAPES Brasília - DF A CBBU junto com as Bibliotecas Universitárias em um novo contexto de atuação Luiz Atilio Vicentini Presidente CBBU CBBU dos

Leia mais

Andréa Gonçalves Gerente de Treinamento andrea.goncalves@proquest.com

Andréa Gonçalves Gerente de Treinamento andrea.goncalves@proquest.com Andréa Gonçalves Gerente de Treinamento andrea.goncalves@proquest.com O que sua equipe precisa saber para lidar com e-books Toda a equipe de atendimento da biblioteca deveria ter que usar os recursos da

Leia mais

UNICAMP SISTEMA DE BIBLIOTECAS DA UNICAMP PROCEDIMENTOS PARA COLETA DE DADOS. Versão Preliminar

UNICAMP SISTEMA DE BIBLIOTECAS DA UNICAMP PROCEDIMENTOS PARA COLETA DE DADOS. Versão Preliminar UNICAMP SISTEMA DE BIBLIOTECAS DA UNICAMP PROCEDIMENTOS PARA COLETA DE DADOS Versão Preliminar MANUAL 2002 1 Manual editado pela Área de Planejamento da Biblioteca Central da Unicamp. UNIVERSIDADE ESTADUAL

Leia mais

Registro do Conhecimento Humano

Registro do Conhecimento Humano Os desafios da informação na Era do Conhecimento: Papel das Bibliotecas Eletrônicas Rosane Taruhn Departamento Técnico Diretora do Serviço de Formação e Manutenção de Acervos Registro do Conhecimento Humano

Leia mais

O Portal de Periódicos da Capes Katyusha Madureira Loures de Souza Novembro de 2014

O Portal de Periódicos da Capes Katyusha Madureira Loures de Souza Novembro de 2014 O Portal de Periódicos da Capes Katyusha Madureira Loures de Souza Novembro de 2014 Breve histórico 1986 - Plano Nacional de Bibliotecas Universitárias Programa de Aquisição Planificada de Periódicos 1990

Leia mais

Fontes de Informação. Direito

Fontes de Informação. Direito Fontes de Informação Direito Ana Maria Neves Maranhão anamaria@dbd.puc-rio.br Edson Sousa Silva edson@dbd.puc-rio.br Divisão de Bibliotecas e Documentação Novembro/2009 BASES DE DADOS Conjunto de dados,

Leia mais

Bases de dados. Biblioteca FEAUSP 2015 Seção de Atendimento ao Usuário. Elaborado por Giseli Adornato de Aguiar

Bases de dados. Biblioteca FEAUSP 2015 Seção de Atendimento ao Usuário. Elaborado por Giseli Adornato de Aguiar Bases de dados Biblioteca FEAUSP 2015 Seção de Atendimento ao Usuário Elaborado por Giseli Adornato de Aguiar ACESSO REMOTO VPN BASES DE DADOS USP DEDALUS BIBLIOTECA DIGITAL DE TESES E DISSERTAÇÕES DA

Leia mais

BIBLIOTECA UNIVATES. Área física e serviços prestados pela Biblioteca

BIBLIOTECA UNIVATES. Área física e serviços prestados pela Biblioteca BIBLIOTECA UNIVATES Área física e serviços prestados pela Biblioteca O prédio da Biblioteca tem área total de 2.696,91m². Abriga em seus três pavimentos, além do acervo, espaço para estudos (individual

Leia mais

O USO DE INDICADORES DE PRODUÇÃO INTELECTUAL NO PROCESSO DE GESTÃO INSTITUCIONAL DA UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO GRANDE DO SUL

O USO DE INDICADORES DE PRODUÇÃO INTELECTUAL NO PROCESSO DE GESTÃO INSTITUCIONAL DA UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO GRANDE DO SUL O USO DE INDICADORES DE PRODUÇÃO INTELECTUAL NO PROCESSO DE GESTÃO INSTITUCIONAL DA UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO GRANDE DO SUL Janise Silva Borges da Costa, Beatriz Helena de Souza Cestari, Carla Metzler

Leia mais

Palavras-chave: Repositório de dados; Softwares Livres; Bibliotecas digitais; Documentos eletrônicos; Universidades; Produção acadêmica.

Palavras-chave: Repositório de dados; Softwares Livres; Bibliotecas digitais; Documentos eletrônicos; Universidades; Produção acadêmica. Bibliotecas digitais: possibilidades da utilização de Softwares livres para disponibilização de trabalhos acadêmicos. Cristina Maria de Queiroz Valeria Ferreira de Jesus Lauriano Resumo Com a evolução

Leia mais

Relatório de Participação do XVII SNBU - 2012 1. XVII Seminário Nacional de Bibliotecas Universitárias SNBU UFRGS - 16 a 21/09/12 Gramado/RS

Relatório de Participação do XVII SNBU - 2012 1. XVII Seminário Nacional de Bibliotecas Universitárias SNBU UFRGS - 16 a 21/09/12 Gramado/RS Relatório de Participação do XVII SNBU - 2012 1 XVII Seminário Nacional de Bibliotecas Universitárias SNBU UFRGS - 16 a 21/09/12 Gramado/RS Tendo como tema A Biblioteca Universitária como Laboratório na

Leia mais

GESTÃO DA INFORMAÇÃO DIGITAL NA BIBLIOTECA CENTRAL DA UNIVERSIDADE DE BRASÍLIA: relato de experiência

GESTÃO DA INFORMAÇÃO DIGITAL NA BIBLIOTECA CENTRAL DA UNIVERSIDADE DE BRASÍLIA: relato de experiência TRABALHO ORAL IMPACTO DAS TECNOLOGIAS DE INFORMAÇÃO NA GESTÃO DA BIBLIOTECA UNIVERSITÁRIA Dimensionamento dos impactos dos serviços digitais na Biblioteca GESTÃO DA INFORMAÇÃO DIGITAL NA BIBLIOTECA CENTRAL

Leia mais

Gestão de bibliotecas universitárias. Capes Encontro de Diretores de Bibliotecas Universitárias Brasília, 26 e 27 de maio de 2014

Gestão de bibliotecas universitárias. Capes Encontro de Diretores de Bibliotecas Universitárias Brasília, 26 e 27 de maio de 2014 Gestão de bibliotecas universitárias Capes Encontro de Diretores de Bibliotecas Universitárias Brasília, 26 e 27 de maio de 2014 A biblioteca Universitária é a instituição responsável pelos serviços de

Leia mais

2003 participação na Elpub (apresentação do MIT /motivação para o trabalho no Brasil); 2004 apresentação ao Reitor da UnB parceria CID (Profa.

2003 participação na Elpub (apresentação do MIT /motivação para o trabalho no Brasil); 2004 apresentação ao Reitor da UnB parceria CID (Profa. Repositório Institucional da Universidade de Brasília HISTÓRICO 2003 participação na Elpub (apresentação do MIT /motivação para o trabalho no Brasil); 2004 apresentação ao Reitor da UnB parceria CID (Profa.

Leia mais

PDI DO SISTEMA DE BIBLIOTECAS DA UFPI

PDI DO SISTEMA DE BIBLIOTECAS DA UFPI Ministério da Educação Universidade Federal do Piauí Biblioteca Comunitária Jornalista Carlos Castello Branco Campus Universitário Ministro Petrônio Portella, Bairro Ininga, Teresina, Piauí, Brasil; CEP

Leia mais

POLÍTICA DE EXPANSÃO E ATUALIZAÇÃO DO ACERVO DA BIBLIOTECA DA FAIP

POLÍTICA DE EXPANSÃO E ATUALIZAÇÃO DO ACERVO DA BIBLIOTECA DA FAIP POLÍTICA DE EXPANSÃO E ATUALIZAÇÃO DO ACERVO DA BIBLIOTECA DA FAIP 1. POLÍTICA DE EXPANSÃO E ATUALIZAÇÃO DO ACERVO DA BIBLIOTECA DA FAIP 1.1. Objetivos Nas últimas décadas as bibliotecas passaram por mudanças

Leia mais

BIBLIOTECA DIGITAL DA UFRGS: implementação e perspectivas

BIBLIOTECA DIGITAL DA UFRGS: implementação e perspectivas BIBLIOTECA DIGITAL DA UFRGS: implementação e perspectivas 2da. Jornada sobre la Biblioteca Digital Universitaria JBD2004 Buenos Aires, 17-18 de junio de 2004 BIBLIOTECA DIGITAL DA UFRGS: implementação

Leia mais

Mesa Redonda Novas agendas de atuação e os perfis profissionais em bibliotecas universitárias

Mesa Redonda Novas agendas de atuação e os perfis profissionais em bibliotecas universitárias Mesa Redonda Novas agendas de atuação e os perfis profissionais em bibliotecas universitárias Profa. Dra. Lillian Maria Araújo de Rezende Alvares Coordenadora-Geral de Pesquisa e Manutenção de Produtos

Leia mais

TER OU NÃO TER, EIS A QUESTÃO: algumas reflexões em torno da disponibilidade e da acessibilidade documentária Palestra de ANTONIO MIRANDA

TER OU NÃO TER, EIS A QUESTÃO: algumas reflexões em torno da disponibilidade e da acessibilidade documentária Palestra de ANTONIO MIRANDA TER OU NÃO TER, EIS A QUESTÃO: algumas reflexões em torno da disponibilidade e da acessibilidade documentária Palestra de ANTONIO MIRANDA INSTITUTO NACIONAL DE PESQUISAS ESPACIAIS INPE São José dos Campos,

Leia mais

Biblioteca Digital da Unicamp

Biblioteca Digital da Unicamp Biblioteca Digital da Unicamp Luiz Atilio Vicentini vicentin@unicamp.br Florianópolis, novembro 2009. 2004 3.932 Teses = 627 mil visitas 370 mil downloads Formulário previa que as teses poderiam não ser

Leia mais

A experiência da USP e o repositório do CRUESP

A experiência da USP e o repositório do CRUESP A experiência da USP e o repositório do CRUESP Profa. Dra. Sueli Mara S. P. Ferreira Seminário VIABILIZANDO O ACESSO ABERTO AO CONHECIMENTO NA FIOCRUZ Rio de Janeiro - 30 de maio de 2014 Estrutura - Composição

Leia mais

Acesso à informação científica no Brasil: políticas, estratégias e programas. Diretoria de Programas - CAPES

Acesso à informação científica no Brasil: políticas, estratégias e programas. Diretoria de Programas - CAPES Acesso à informação científica no Brasil: políticas, estratégias e programas Diretoria de Programas - CAPES Como deveria ser a infra-estrutura de TI das nossas bibliotecas? A infra-estrutura de TI de uma

Leia mais

O processamento digital de imagens e a descrição de documentos iconográficos na Brasiliana Digital

O processamento digital de imagens e a descrição de documentos iconográficos na Brasiliana Digital Universidade de São Paulo Pró-Reitoria de Cultura e Extensão Universitária Projeto Aprender com Cultura e Extensão Projeto O processamento digital de imagens e a descrição de documentos iconográficos na

Leia mais

FUNDAMENTAÇÃO TEÓRICA

FUNDAMENTAÇÃO TEÓRICA AULA 3 FUNDAMENTAÇÃO TEÓRICA O que é uma fundamentação teórica É uma visão crítica da pesquisa existente que é significante para o trabalho que o aluno/pesquisador está desenvolvendo; Identifica e organiza

Leia mais

PROGRAMA DE PUBLICAÇÃO DE TESES PROQUEST. Andréa Gonçalves Training & Consulting Partner

PROGRAMA DE PUBLICAÇÃO DE TESES PROQUEST. Andréa Gonçalves Training & Consulting Partner PROGRAMA DE PUBLICAÇÃO DE TESES PROQUEST Andréa Gonçalves Training & Consulting Partner Agenda ProQuest Dissertations and Theses Histórico da UMI e PQDT Como e por que usar a PQDT? Processo de publicação

Leia mais

PALESTRANTES. TÍTULO DA PALESTRA: Organização da informação à luz da Ciência da Informação: impactos na circulação do saber em Unidades de Informação.

PALESTRANTES. TÍTULO DA PALESTRA: Organização da informação à luz da Ciência da Informação: impactos na circulação do saber em Unidades de Informação. DIA: 16 de novembro (segunda feira). PALESTRANTES TÍTULO DA PALESTRA: Organização da informação à luz da Ciência da Informação: impactos na circulação do saber em Unidades de Informação. PROFESSOR(A):

Leia mais

Mercado de e-books no Brasil e as novidades da Elsevier em Português.

Mercado de e-books no Brasil e as novidades da Elsevier em Português. Mercado de e-books no Brasil e as novidades da Elsevier em Português. Presented By Mariana Meyer Date 19/05/2014 e-book X Impresso no Brasil Faturamento e Variação Percentual 2011/2012 Impresso e Digital

Leia mais

Automação de Unidades de Informação Redes de Informação

Automação de Unidades de Informação Redes de Informação Automação de Unidades de Informação Introdução As tecnologias de informação concretizam a Sociedade da Informação, na qual as redes são recursos estratégicos para o desenvolvimento científico e tecnológico.

Leia mais

GESTÃO DA INFORMAÇÃO NO AMBIENTE ACADÊMICO:

GESTÃO DA INFORMAÇÃO NO AMBIENTE ACADÊMICO: GESTÃO DA INFORMAÇÃO NO AMBIENTE ACADÊMICO: A CONTRIBUIÇÃO DA BIBLIOTECA DA ESCOLA DE EDUCAÇÃO FÍSICA E ESPORTE DA UNIVERSIDADE DE SÃO PAULO Márcia Elisa Garcia de Grandi I Encontro de Gestão da Informação

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL FLUMINENSE SUPERINTENDÊNCIA DE DOCUMENTAÇÃO COORDENAÇÃO DE BIBLIOTECAS PLANO DE METAS 2013/2014

UNIVERSIDADE FEDERAL FLUMINENSE SUPERINTENDÊNCIA DE DOCUMENTAÇÃO COORDENAÇÃO DE BIBLIOTECAS PLANO DE METAS 2013/2014 UNIVERSIDADE FEDERAL FLUMINENSE SUPERINTENDÊNCIA DE DOCUMENTAÇÃO COORDENAÇÃO DE BIBLIOTECAS PLANO DE METAS 2013/2014 SUMÁRIO INTRODUÇÃO... 3 META 1: MELHORIA DOS SERVIÇOS E PRODUTOS... 4 META 2 : EDUCAÇÃO

Leia mais

FAPPES FACULDADE PAULISTA DE PESQUISA E ENSINO SUPERIOR ORGANIZAÇÃO, POLÍTICA DE AQUISIÇÃO, EXPANSÃO E ATUALIZAÇÃO DE ACERVO

FAPPES FACULDADE PAULISTA DE PESQUISA E ENSINO SUPERIOR ORGANIZAÇÃO, POLÍTICA DE AQUISIÇÃO, EXPANSÃO E ATUALIZAÇÃO DE ACERVO FAPPES FACULDADE PAULISTA DE PESQUISA E ENSINO SUPERIOR ORGANIZAÇÃO, POLÍTICA DE AQUISIÇÃO, EXPANSÃO E ATUALIZAÇÃO DE ACERVO A Biblioteca da FAPPES é uma Biblioteca especializada, mantida pela Sociedade

Leia mais

_áääáçíéå~= `Éåíêç=ÇÉ=fåÑçêã~ ç=é=oéñéêæååá~

_áääáçíéå~= `Éåíêç=ÇÉ=fåÑçêã~ ç=é=oéñéêæååá~ _áääáçíéå~ `ÉåíêçÇÉfåÑçêã~ çéoéñéêæååá~ DIRETRIZES PARA A SELEÇÃO E AQUISIÇÃO DE LIVROS, MONOGRAFIAS E SIMILARES PARA A BIBLIOTECA DA FACULDADE DE SAÚDE PÚBLICA/ USP 1. INTRODUÇÃO O fluxo crescente de

Leia mais

SCIENCEDIRECT ACRESCENTE VALOR A SUA PESQUISA. @ElsevierLAS www.sciencedirect.com www.americalatina.elsevier.com/brasil

SCIENCEDIRECT ACRESCENTE VALOR A SUA PESQUISA. @ElsevierLAS www.sciencedirect.com www.americalatina.elsevier.com/brasil SCIENCEDIRECT ACRESCENTE VALOR A SUA PESQUISA @ElsevierLAS www.sciencedirect.com www.americalatina.elsevier.com/brasil O que é ScienceDirect? ScienceDirect é a base de dados de textos completos revisados

Leia mais

MEC/CAPES. Portal de Periódicos

MEC/CAPES. Portal de Periódicos MEC/CAPES Portal de Periódicos A CAPES e a formação de recursos de alto nível no Brasil Criada em 1951, a Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES) é uma agência vinculada ao

Leia mais

BIBLIOTECA CENTRAL Histórico

BIBLIOTECA CENTRAL Histórico BIBLIOTECA CENTRAL Histórico A Biblioteca Central foi criada em 8 de outubro de 972, como Órgão Suplementar da Universidade Estadual de Londrina, por meio da Resolução 23/72. Estava vinculada academicamente

Leia mais

Modelos de negócios de livros eletrônicos para bibliotecas

Modelos de negócios de livros eletrônicos para bibliotecas Modelos de negócios de livros eletrônicos para bibliotecas Raquel Pereira Costa Universidade de Brasília Faculdade de Ciência da Informação Brasília, DF 70.919-970 E-mail: pereiracostaraquel@gmail.com

Leia mais

Como acessar O acesso é através do site da Biblioteca: www.pucrs.br/biblioteca ou diretamente através do endereço http://omnis.pucrs.

Como acessar O acesso é através do site da Biblioteca: www.pucrs.br/biblioteca ou diretamente através do endereço http://omnis.pucrs. A nova ferramenta de busca das Bibliotecas da PUCRS Guia de Consulta Rápida A ferramenta OMNIS permite buscar e acessar milhões de informações de diversas áreas do conhecimento contidas nos documentos

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DE CIÊNCIAS DA SAÚDE DE PORTO ALEGRE BIBLIOTECA PAULO LACERDA DE AZEVEDO. Política de Desenvolvimento de Coleções

UNIVERSIDADE FEDERAL DE CIÊNCIAS DA SAÚDE DE PORTO ALEGRE BIBLIOTECA PAULO LACERDA DE AZEVEDO. Política de Desenvolvimento de Coleções UNIVERSIDADE FEDERAL DE CIÊNCIAS DA SAÚDE DE PORTO ALEGRE BIBLIOTECA PAULO LACERDA DE AZEVEDO Política de Desenvolvimento de Coleções Porto Alegre 2013 2 1 APRESENTAÇÃO A Biblioteca Paulo Lacerda de Azevedo

Leia mais

Como as tecnologias podem ser usadas para a melhoria da qualidade e eficácia da educação superior?

Como as tecnologias podem ser usadas para a melhoria da qualidade e eficácia da educação superior? Como as tecnologias podem ser usadas para a melhoria da qualidade e eficácia da educação superior? Roland Zottele XII Congresso Brasileiro de Gestão Educacional De onde falo Senac Abrangência nacional:

Leia mais

E-books e o futuro das bibliotecas: evolução ou revolução?

E-books e o futuro das bibliotecas: evolução ou revolução? O Goethe-Institut São Paulo, a Maison de France e o Instituto Cervantes com o apoio da Fundação Memorial da América Latina convidam para o colóquio internacional E-books e o futuro das bibliotecas: evolução

Leia mais

Preservação Digital e Post-cancellation Access (PCA)

Preservação Digital e Post-cancellation Access (PCA) I Reunião de Bibliotecas das Instituições Participantes do Portal de Periódicos da CAPES - 2015 Preservação Digital e Post-cancellation Access (PCA) Marcio Gama Senior License Manager Brasil Março 2015

Leia mais

2/11/2009. Fontes de informação científica. O que gera ou veicula informação

2/11/2009. Fontes de informação científica. O que gera ou veicula informação Fontes de informação científica Agosto de 2009 Aula 08 O que gera ou veicula informação Fontes mais estruturadas, normalmente publicações em periódicos e livros. Tem mais legitimidade. Normalmente preveem

Leia mais

Biblioteca Digital do BNDES www.bndes.gov.br/bibliotecadigital

Biblioteca Digital do BNDES www.bndes.gov.br/bibliotecadigital Biblioteca Digital do BNDES www.bndes.gov.br/bibliotecadigital 24 de NOVEMBRO de 2014 AP/DEINCO/COPED Breve histórico Fev. 2010 início do projeto: seleção de software e digitalização de documentos; 2011

Leia mais

Manual Biblioteca Mackenzie

Manual Biblioteca Mackenzie Manual Biblioteca Mackenzie 1. Acessar e fazer o download do ebook Acessar o site da Biblioteca Mackenzie através da Intranet. Faça o download do Software de Leitura. Se necessitar de ajuda neste ponto

Leia mais

Plano de Utilização do Acervo e Acessos

Plano de Utilização do Acervo e Acessos FACULDADE DE RONDÔNIA INSTITUTO JOÃO NEÓRICO Plano de Utilização do Acervo e Acessos SUMÁRIO 1 OBJETIVO GERAL...2 2. OBJETIVOS ESPECÍFICOS...2 3. ABRANGÊNCIA...2 4. BIBLIOTECA...2 4.1 Espaço Físico...4

Leia mais

O Comportamento informacional dos pós-graduandos em Ciências Sócias e Humanas: um estudo com os pós-graduandos da UNESP de Marília.

O Comportamento informacional dos pós-graduandos em Ciências Sócias e Humanas: um estudo com os pós-graduandos da UNESP de Marília. O Comportamento informacional dos pós-graduandos em Ciências Sócias e Humanas: um estudo com os pós-graduandos da UNESP de Marília. Eixo Temático: Livre Nome: Etiene Siqueira de Oliveira - Bolsista: PIBIC/CNPq

Leia mais

FONTES DE INFORMAÇÃO (FI) PARA PESQUISA E USO DE BD

FONTES DE INFORMAÇÃO (FI) PARA PESQUISA E USO DE BD FONTES DE INFORMAÇÃO (FI) PARA PESQUISA E USO DE BD Luciane Meire Ribeiro STRAUD Biblioteca FCAV (Seção Técnica de Referência, Atendimento ao Usuário e Documentação) 1. Introdução: Definição de FI (em

Leia mais

REGULAMENTO PARA ACESSO E USO DO SERVIÇO DE BIBLIOTECA DO INSTITUTO DE BIOCIÊNCIAS DA UNIVERSIDADE DE SÃO PAULO

REGULAMENTO PARA ACESSO E USO DO SERVIÇO DE BIBLIOTECA DO INSTITUTO DE BIOCIÊNCIAS DA UNIVERSIDADE DE SÃO PAULO REGULAMENTO PARA ACESSO E USO DO SERVIÇO DE BIBLIOTECA DO INSTITUTO DE BIOCIÊNCIAS DA UNIVERSIDADE DE SÃO PAULO São Paulo 2014 CONSULTA E EMPRÉSTIMO DO MATERIAL BIBLIOGRÁFICO DAS FINALIDADES Art. 1º -

Leia mais

MARIÂNGELA S. L. FUJITA 1

MARIÂNGELA S. L. FUJITA 1 A BIBLIOTECA DIGITAL NO CONTEXTO DA GESTÃO DE BIBLIOTECAS UNIVERSITÁRIAS: ANÁLISE DE ASPECTOS CONCEITUAIS E EVOLUTIVOS PARA A ORGANIZAÇÃO DA INFORMAÇÃO MARIÂNGELA S. L. FUJITA 1 Resumo: A biblioteca universitária,

Leia mais

Biblioteca digital: novo paradigma da informação

Biblioteca digital: novo paradigma da informação Biblioteca digital: novo paradigma da informação Murilo Bastos da Cunha Universidade de Brasília Faculdade de Ciência da Informação Brasília, DF E-mail: murilobc@unb.br Introdução A Internet está revolucionando

Leia mais

Palavras-chave: Estágio em Serviço de Referência. Biblioteca Universitária e Comunitária. Seção de Acesso às Bases de Dados

Palavras-chave: Estágio em Serviço de Referência. Biblioteca Universitária e Comunitária. Seção de Acesso às Bases de Dados XIV Encontro Regional dos Estudantes de Biblioteconomia, Documentação, Ciência da Informação e Gestão da Informação - Região Sul - Florianópolis - 28 de abril a 01 de maio de 2012 PERÍODO DE ESTUDOS PRÁTICOS

Leia mais

www.unioeste.br/portaldainformacao

www.unioeste.br/portaldainformacao PORTAL DA INFORMAÇÃO DA UNIOESTE Página de acesso livre ao conhecimento. www.unioeste.br/portaldainformacao PORTAL DA INFORMAÇÃO DA UNIOESTE A P R E S E N T A Ç Ã O O Portal da Informação da Unioeste é

Leia mais

1.- Introdução ------------------------------------------------------------------------------ 02

1.- Introdução ------------------------------------------------------------------------------ 02 1 Manual do Usuário para leitor Biblioteca Digital Cengage Indice: 1.- Introdução ------------------------------------------------------------------------------ 02 2.- O acesso à aplicação ------------------------------------------------------------------

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA CATARINA CENTRO DE CIÊNCIAS DA EDUCAÇÃO CURSO DE GRADUAÇÃO EM BIBLIOTECONOMIA

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA CATARINA CENTRO DE CIÊNCIAS DA EDUCAÇÃO CURSO DE GRADUAÇÃO EM BIBLIOTECONOMIA UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA CATARINA CENTRO DE CIÊNCIAS DA EDUCAÇÃO CURSO DE GRADUAÇÃO EM BIBLIOTECONOMIA ALINE CRISTINA DE FREITAS ANA CLÁUDIA ZANDAVALLE CAMILA RIBEIRO VALERIM FERNANDO DA COSTA PEREIRA

Leia mais

BIBLIOTECA 1.1 INFORMAÇÕES GERAIS

BIBLIOTECA 1.1 INFORMAÇÕES GERAIS BIBLIOTECA 1.1 INFORMAÇÕES GERAIS A Biblioteca possui atenção especial dos dirigentes da UCSal, por constituirse em um instrumento de apoio valioso aos programas de ensino, pesquisa e extensão. O foco

Leia mais

Acesso aberto e repositórios institucionais: repensando a comunicação e a gestão da informação científica

Acesso aberto e repositórios institucionais: repensando a comunicação e a gestão da informação científica Acesso aberto e repositórios institucionais: repensando a comunicação e a gestão da informação científica Fernando César Lima Leite fernandodfc@gmail.com 1. A comunicação científica e sua importância Qualquer

Leia mais

Tópicos: Breve histórico da comunicação científica. Evolução do suporte de registro do conhecimento

<?xml version=1.0 encoding=utf-8?> <workshop> Tópicos: Breve histórico da comunicação científica. Evolução do suporte de registro do conhecimento linguagem XML michelângelo Mazzardo Marques Viana porto Alegre 07 de maio de 2009

Leia mais

Indicadores de qualidade em Bibliotecas Universitárias como torná-las bem sucedidas

Indicadores de qualidade em Bibliotecas Universitárias como torná-las bem sucedidas Indicadores de qualidade em Bibliotecas Universitárias como torná-las bem sucedidas Ligia Scrivano Paixão Diretora do Sistema de Bibliotecas e coordenadora do curso de Biblioteconomia da Universidade Santa

Leia mais

I Reunião Técnica / 2015 21 de agosto. Modelos de contratos para aquisição e/ou assinatura de publicações eletrônicas.

I Reunião Técnica / 2015 21 de agosto. Modelos de contratos para aquisição e/ou assinatura de publicações eletrônicas. I Reunião Técnica / 2015 21 de agosto Modelos de contratos para aquisição e/ou assinatura de publicações eletrônicas Samantha Pontes Aquisição de conteúdos eletrônicos comerciais Livros eletrônicos Características

Leia mais

SciELO Livros. O que é e como participar

SciELO Livros. O que é e como participar SciELO - Scientific Electronic Library On-line FAPESP - CNPq - BIREME - FapUnifesp Rua Machado Bittencourt, 430 - Vila Clementino CEP 04044-001 - São Paulo - SP - Brasil - Tel.: 55-11-5083-3639 http://www.scielo.org

Leia mais

Cooperação e intercâmbio em bibliotecas universitárias

Cooperação e intercâmbio em bibliotecas universitárias Powered by TCPDF (www.tcpdf.org) Cooperação e intercâmbio em bibliotecas universitárias Roniberto Morato do Amaral (UFSCar) - roniberto@nit.ufscar.br Aline Grasiele Cardoso de Brito (UFSCAR) - aline.brito@gmail.com

Leia mais

obras guia usuário capes do biblioteca empréstimo minerva devolução renovação online comut aleph empréstimo entre bibliotecas redes sociais reserva

obras guia usuário capes do biblioteca empréstimo minerva devolução renovação online comut aleph empréstimo entre bibliotecas redes sociais reserva Biblioteca IF Instituto de Física/UFRJ Prédio do Centro de Tecnologia Bloco A - 3º andar - sala 340 Av. Athos da Silveira Ramos, 149 Ilha do Fundão - Rio de Janeiro - RJ - Brasil CEP: 21.941-909 Tel. (0xx21)

Leia mais

Aqui você pode acessar diversos links de Bibliotecas no Brasil e no mundo!

Aqui você pode acessar diversos links de Bibliotecas no Brasil e no mundo! BIBLIOTECAS NA WEB Aqui você pode acessar diversos links de Bibliotecas no Brasil e no mundo! Alexandria Virtual Link: http://www.alexandriavirtual.com.br Descrição: Acervo variado, de literatura a humor.

Leia mais

POLÍTICA DE DESENVOLVIMENTO DE COLEÇÕES FACISA. Itamaraju, 2011.2

POLÍTICA DE DESENVOLVIMENTO DE COLEÇÕES FACISA. Itamaraju, 2011.2 POLÍTICA DE DESENVOLVIMENTO DE COLEÇÕES FACISA Itamaraju, 2011.2 Bibliotecário Emanuel Vieira Pinto CRB-5/1618 POLÍTICA DE DESENVOLVIMENTO DE COLEÇÕES FACISA Itamaraju, 2011.2 2 SUMÁRIO 1 INTRODUÇÃO 5

Leia mais

BIBLIOTECAS DIGITAIS: CONCEITOS E PLANEJAMENTO. Liliana Giusti Serra

BIBLIOTECAS DIGITAIS: CONCEITOS E PLANEJAMENTO. Liliana Giusti Serra BIBLIOTECAS DIGITAIS: CONCEITOS E PLANEJAMENTO Liliana Giusti Serra INFORMAÇÃO - NOVA ECONOMIA Ciência da Informação Ciência da Computação CONTEÚDO Tecnologia de Rede BIBLIOTECAS DIGITAIS Interoperabilidade

Leia mais

Ações de gestão da informação de C&T em andamento. Brasília,10 de dezembro de 2013

Ações de gestão da informação de C&T em andamento. Brasília,10 de dezembro de 2013 Ações de gestão da informação de C&T em andamento Brasília,10 de dezembro de 2013 Embrapa Informação Tecnológica Gestão da informação : Aplicação de metodologias adequadas aos processos de identificação,

Leia mais

Art. 1º Aprovar o Regimento Interno da Divisão de Biblioteca DIBIB, anexo a esta Resolução. São João del-rei, 16 de fevereiro de 2009.

Art. 1º Aprovar o Regimento Interno da Divisão de Biblioteca DIBIB, anexo a esta Resolução. São João del-rei, 16 de fevereiro de 2009. RESOLUÇÃO N o 003, de 16 de fevereiro de 2009. Aprova Regimento Interno da Divisão de Biblioteca DIBIB. O PRESIDENTE DO CONSELHO UNIVERSITÁRIO DA UNIVERSIDADE FEDERAL DE SÃO JOÃO DEL-REI UFSJ, no uso de

Leia mais

AULA 3 FUNDAMENTAÇÃO TEÓRICA

AULA 3 FUNDAMENTAÇÃO TEÓRICA AULA 3 FUNDAMENTAÇÃO TEÓRICA O que é uma fundamentação teórica É uma visão crítica da pesquisa existente que é significante para o trabalho que o aluno/pesquisador está desenvolvendo. Identifica e organiza

Leia mais

BIBLIOTECA NACIONAL DIGITAL RENOVADA

BIBLIOTECA NACIONAL DIGITAL RENOVADA BIBLIOTECA NACIONAL DIGITAL RENOVADA NOVOS SERVIÇOS, FUNCIONALIDADES E CONTEXTOS DE COOPERAÇÃO SUMÁRIO NOVA INTERFACE GRÁFICA DA BND COOPERAÇÃO RNOD REGISTO NACIONAL DE OBJETOS DIGITAIS PROJETOS EOD EBOOKS

Leia mais

1988 - Sistema de Automação do NDC (SAND): Controle da Terminologia de Indexação e Sistema de Informações Legislativas

1988 - Sistema de Automação do NDC (SAND): Controle da Terminologia de Indexação e Sistema de Informações Legislativas A Coordenação de Bibliotecas e a informatização do sistema: onde estamos e o que queremos 1988 - Sistema de Automação do NDC (SAND): Controle da Terminologia de Indexação e Sistema de Informações Legislativas

Leia mais

PDI 2014/2017. Sistema de Bibliotecas do IFRS - SiBIFRS

PDI 2014/2017. Sistema de Bibliotecas do IFRS - SiBIFRS PDI 2014/2017 Sistema de Bibliotecas do IFRS - SiBIFRS O Sistema de Bibliotecas do IFRS (SiBIFRS) está em fase de estruturação. Atualmente ele é composto Grupos de Trabalho (GTs) pelas doze Bibliotecas

Leia mais

PROCESSO DE FORMAÇÃO E DESENVOLVIMENTO DE COLEÇÕES: A INFORMAÇÃO ELETRÔNICA E A NECESSIDADE DE AQUISIÇÃO DE BACKFILES

PROCESSO DE FORMAÇÃO E DESENVOLVIMENTO DE COLEÇÕES: A INFORMAÇÃO ELETRÔNICA E A NECESSIDADE DE AQUISIÇÃO DE BACKFILES PROCESSO DE FORMAÇÃO E DESENVOLVIMENTO DE COLEÇÕES: A INFORMAÇÃO ELETRÔNICA E A NECESSIDADE DE AQUISIÇÃO DE BACKFILES Silvana Aparecida Fagundes 1, Marta Lígia Pomim Valentim 2 1 Mestre em Ciência da Informação,

Leia mais

Plano de Ensino Automação de Bibliotecas Profesora Ursula Blattmann

Plano de Ensino Automação de Bibliotecas Profesora Ursula Blattmann UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA CATARINA - UFSC CENTRO DE CIÊNCIAS DA EDUCAÇÃO - CED DEPARTAMENTO DE CIÊNCIA DA INFORMAÇÃO-CIN PLANO DE ENSINO Primeiro semestre de 2008 1 IDENTIFICAÇÃO Disciplina : CIN5329

Leia mais

POLÍTICA DE DESENVOLVIMENTO DE COLEÇÕES E MANUTENÇÃO DA INFRAESTRUTURA FÍSICA DA BIBLIOTECA UNIFAMMA

POLÍTICA DE DESENVOLVIMENTO DE COLEÇÕES E MANUTENÇÃO DA INFRAESTRUTURA FÍSICA DA BIBLIOTECA UNIFAMMA POLÍTICA DE DESENVOLVIMENTO DE COLEÇÕES E MANUTENÇÃO DA INFRAESTRUTURA FÍSICA DA BIBLIOTECA UNIFAMMA MARINGÁ 2012 1 APRESENTAÇÃO O Desenvolvimento de Coleções, qualquer que seja o tipo de biblioteca (pública,

Leia mais

XVIII SEMINÁRIO NACIONAL DE BIBLIOTECAS UNIVERSITÁRIAS SNBU 2014

XVIII SEMINÁRIO NACIONAL DE BIBLIOTECAS UNIVERSITÁRIAS SNBU 2014 1 XVIII SEMINÁRIO NACIONAL DE BIBLIOTECAS UNIVERSITÁRIAS SNBU 2014 IMPLANTAÇÃO DO SERVIÇO DE DIGITALIZAÇÃO DE DOCUMENTOS NO SISTEMA DE BIBLIOTECAS (SiBi) DA UNIVERSIDADE FEDERAL DO PARANÁ (UFPR) Fernando

Leia mais

Curadoria de Conteúdos:

Curadoria de Conteúdos: + Curadoria de Conteúdos: Reunindo e disseminando informações relevantes Ailton Feitosa + Agenda 2 n Origens do tema n Precursores n Características do método n Aplicações no âmbito jurídico n Ferramentas

Leia mais

POLÍTICA DE DESENVOLVIMENTO DE COLEÇÕES. Bibliotecas FacSenac/DF

POLÍTICA DE DESENVOLVIMENTO DE COLEÇÕES. Bibliotecas FacSenac/DF POLÍTICA DE DESENVOLVIMENTO DE COLEÇÕES Bibliotecas FacSenac/DF Brasília 2014 POLÍTICA DE DESENVOLVIMENTO DE COLEÇÕES BIBLIOTECAS FAC SENAC-DF Brasília 2014 SUMÁRIO MISSÃO...6 SENAC-DF...6 FACULDADE SENAC-DF...6

Leia mais

POLÍTICA DE DESENVOLVIMENTO DE COLEÇÕES BIBLIOTECA PAULO ERNESTO TOLLE

POLÍTICA DE DESENVOLVIMENTO DE COLEÇÕES BIBLIOTECA PAULO ERNESTO TOLLE POLÍTICA DE DESENVOLVIMENTO DE COLEÇÕES BIBLIOTECA PAULO ERNESTO TOLLE 1 INTRODUÇÃO A Biblioteca Paulo Ernesto Tolle é mantida pela Fundação Escola de Comércio Álvares Penteado FECAP, uma das mais antigas

Leia mais

REPOSITÓRIOS E VISIBILIDADE INSTITUCIONAL NO BRASIL. Caterina Groposo Pavão

REPOSITÓRIOS E VISIBILIDADE INSTITUCIONAL NO BRASIL. Caterina Groposo Pavão REPOSITÓRIOS E VISIBILIDADE INSTITUCIONAL NO BRASIL Caterina Groposo Pavão 17/10/2014 SUMÁRIO 1 INTRODUÇÃO PRODUÇÃO INTELECTUAL DA UFRGS REPOSITÓRIOS INSTITUCIONAIS: etapas para criação 2 LUME REPOSITÓRIO

Leia mais

GUIA DO USUÁRIO BIBLIOTECA. Socioambiental & Sustentabilidade

GUIA DO USUÁRIO BIBLIOTECA. Socioambiental & Sustentabilidade GUIA DO USUÁRIO BIBLIOTECA Socioambiental & Sustentabilidade APRESENTAÇÃO A Biblioteca Nossa Senhora das Mercês Itpac Porto do Instituto Tocantinense Presidente Antônio Carlos ITPAC-PORTO proporciona suporte

Leia mais

A Biblioteca Escolar Digital Gildenir Carolino Santos

A Biblioteca Escolar Digital Gildenir Carolino Santos INTRODUÇÃO A Biblioteca Escolar Digital Gildenir Carolino Santos Historicamente já possuímos três períodos principais que retratam a evolução das bibliotecas, iniciamos com as bibliotecas tradicionais,

Leia mais

Biblioteca digital x Biblioteca virtual: aspectos norteadores para proposta de implantação em uma IES. Zaira Regina Zafalon

Biblioteca digital x Biblioteca virtual: aspectos norteadores para proposta de implantação em uma IES. Zaira Regina Zafalon ZAFALON, Z. R. Biblioteca digital X Biblioteca virtual: aspectos norteadores para proposta de implantação em uma IES. In: Seminário Nacional de Bibliotecas Universitárias, 13., 2004, Natal. Arquivo em

Leia mais

SISTEMA DE BIBLIOTECAS - SISBAM REGULAMENTO

SISTEMA DE BIBLIOTECAS - SISBAM REGULAMENTO 1 Art.1 CAPÍTULO I - NATUREZA E FINALIDADE O Sistema de Bibliotecas da Anhembi Morumbi - SISBAM, órgão vinculado à Pró-reitoria Acadêmica reportando-se à Diretoria de Planejamento e Suporte Acadêmico,

Leia mais

Como fazer uma Revisão Bibliográfica

Como fazer uma Revisão Bibliográfica Como fazer uma Revisão Bibliográfica Objetivos da Revisão Bibliográfica Aprendizado sobre uma determinada área Levantamento dos trabalhos realizados anteriormente sobre o mesmo tema Identificação e seleção

Leia mais

PESQUISA BIBLIOTECAS E LEITURA DIGITAL NO BRASIL. Análise sobre aderência e impactos sobre a leitura.

PESQUISA BIBLIOTECAS E LEITURA DIGITAL NO BRASIL. Análise sobre aderência e impactos sobre a leitura. PESQUISA BIBLIOTECAS E LEITURA DIGITAL NO BRASIL Análise sobre aderência e impactos sobre a leitura. Março/2014 O texto que segue apresenta uma análise descritiva dos resultados da Pesquisa Bibliotecas

Leia mais

Recepção de Calouros. Lavras-MG 2º semestre/2014

Recepção de Calouros. Lavras-MG 2º semestre/2014 Recepção de Calouros Lavras-MG 2º semestre/2014 Contatos: (35) 3829-1174/1181 HORÁRIOS DE ATENDIMENTO De segunda a sexta-feira 07h15 às 21h45. Aos sábados 07h15 às 12h45. Qualquer alteração no horário

Leia mais

Portal de Periódicos da CAPES: evolução do acesso pela UEPG 2005 a 2013 : experiência da capacitação de usuários com cursos de extensão

Portal de Periódicos da CAPES: evolução do acesso pela UEPG 2005 a 2013 : experiência da capacitação de usuários com cursos de extensão 13. CONEX Apresentação Oral Resumo Expandido 1 ISSN 2238-9113 ÁREA TEMÁTICA: (marque uma das opções) ( ) COMUNICAÇÃO ( ) CULTURA ( ) DIREITOS HUMANOS E JUSTIÇA ( x ) EDUCAÇÃO ( ) MEIO AMBIENTE ( ) SAÚDE

Leia mais

07.12.2010 Zero Hora Geral Página 37

07.12.2010 Zero Hora Geral Página 37 Zero Hora Geral Página 37 Zero Hora Economia Página 21 O Sul Panorama Página 03 Jornal do Comércio Geral Página 18 Correio do Povo Economia Página 09 O Sul Caderno Reportagem Página 07 O Sul Página 03

Leia mais

PROPOSTA PARA CONSTRUÇÃO DE UMA BIBLIOTECA DIGITAL COMO FERRAMENTA DE AUXÍLIO NO ENSINO À DISTÂNCIA

PROPOSTA PARA CONSTRUÇÃO DE UMA BIBLIOTECA DIGITAL COMO FERRAMENTA DE AUXÍLIO NO ENSINO À DISTÂNCIA PROPOSTA PARA CONSTRUÇÃO DE UMA BIBLIOTECA DIGITAL COMO FERRAMENTA DE AUXÍLIO NO ENSINO À DISTÂNCIA Daniel Gonzaga dos Santos 1 Faculdade Cidade de João Pinheiro Resumo: Este artigo aborda as etapas para

Leia mais

DADOS TÉCNICOS DA BIBLIOTECA

DADOS TÉCNICOS DA BIBLIOTECA FAHESA - Faculdades de Ciências Humanas, Econômicas e da Saúde de Araguaína ITPAC Instituto Tocantinense Presidente Antônio Carlos Ltda BIBLIOTECA DADOS TÉCNICOS DA BIBLIOTECA Araguaína Março / 2014 1.

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DE LAVRAS REITORIA ASSESSORIA PARA DESENVOLVIMENTO ACADÊMICO Biblioteca Universitária

UNIVERSIDADE FEDERAL DE LAVRAS REITORIA ASSESSORIA PARA DESENVOLVIMENTO ACADÊMICO Biblioteca Universitária Regulamento de Empréstimo entre Bibliotecas Art. 1º O presente documento contém as disposições básicas que regulamentam o serviço de Empréstimo entre Bibliotecas na Universidade Federal de Lavras (UFLA).

Leia mais

Sistema de Gestão pela Qualidade Total

Sistema de Gestão pela Qualidade Total Sistema de Gestão pela Qualidade Total Indicadores Márcia Elisa Garcia de Grandi megrandi@usp.br Rosa Maria Fischi rmfzani@usp.br 29/10/2012 Indicadores Segundo a Norma ISO 11620*, indicador de desempenho

Leia mais

Biblioteca Digital de Obras Raras - livros completos digitalizados, como um de Lavoisier editado no século 19: http://www.obrasraras.usp.

Biblioteca Digital de Obras Raras - livros completos digitalizados, como um de Lavoisier editado no século 19: http://www.obrasraras.usp. Bibliotecas do Mundo Biblioteca Apostólica Vaticana - biblioteca que possui um arquivo secreto: http://bav.vatican.va Biblioteca Central - localize os livros das bibliotecas da UFRGS: http://www.biblioteca.ufrgs.br

Leia mais

Histórico SIBi/USP. Surgimento. 6 milhões de volumes espalhados pelos 9 campi da USP.

Histórico SIBi/USP. Surgimento. 6 milhões de volumes espalhados pelos 9 campi da USP. Histórico SIBi/USP Surgimento. 6 milhões de volumes espalhados pelos 9 campi da USP. Histórico SIBi/USP Os acervos oferecem suporte as atividades de ensino de 200 cursos de graduação, 271 de Mestrado,

Leia mais

Núcleo de Coordenação de Bibliotecas - NCB. Relatório Biblioteca Penha Shopping

Núcleo de Coordenação de Bibliotecas - NCB. Relatório Biblioteca Penha Shopping Núcleo de Coordenação de Bibliotecas - NCB Relatório Biblioteca Penha Shopping 2015 SUMÁRIO 1 SISTEMA INTEGRADO DE BIBLIOTECAS - SIBi... 02 2 NÚCLEO DE COORDENAÇÃO DE BIBLIOTECAS - NCB... 02 3 UNIDADE

Leia mais

BIBLIOTECA DIGITAL DA UNICAMP COMO VEÍCULO DE DIVULGAÇÃO DA PRODUÇÃO CIENTÍFICA: A GESTÃO E O ACESSO ÀS DISSERTAÇÕES E TESES RESUMO

BIBLIOTECA DIGITAL DA UNICAMP COMO VEÍCULO DE DIVULGAÇÃO DA PRODUÇÃO CIENTÍFICA: A GESTÃO E O ACESSO ÀS DISSERTAÇÕES E TESES RESUMO BIBLIOTECA DIGITAL DA UNICAMP COMO VEÍCULO DE DIVULGAÇÃO DA PRODUÇÃO CIENTÍFICA: A GESTÃO E O ACESSO ÀS DISSERTAÇÕES E TESES Luiz Atilio Vicentini Rita Aparecida Sponchiado Cláudio Dia RESUMO Apresenta-se

Leia mais

Repositórios no contexto da EaD: O Banco Internacional de Objetos Educacionais

Repositórios no contexto da EaD: O Banco Internacional de Objetos Educacionais Repositórios no contexto da EaD: O Banco Internacional de Objetos Educacionais Seminário Repositórios Institucionais e de Objetos Virtuais de Aprendizagem Florianópolis, Novembro - 2009 Anna Christina

Leia mais