ESTUDO CIENCIOMÉTRICO SOBRE O SETOR DE MODA NO BRASIL. Beatriz Ueda Yamaguchi

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "ESTUDO CIENCIOMÉTRICO SOBRE O SETOR DE MODA NO BRASIL. Beatriz Ueda Yamaguchi"

Transcrição

1 ESTUDO CIENCIOMÉTRICO SOBRE O SETOR DE MODA NO BRASIL Beatriz Ueda Yamaguchi Designer de Moda pelo Centro Universitário de Maringá UniCesumar, Maringá, PR, Brasil. Pós-Graduacão em Modelagem e Moulagem no Processo de Criação no Centro Universitário SENAC Lapa Faustolo São Paulo, SP, Brasil. Recebido em: 31/03/2015 Aprovado em: 15/05/2015 Publicado em: 01/06/2015 RESUMO O presente trabalho consiste em um estudo cienciométrico de literatura científica nacional sobre o setor da Moda no Brasil, veiculada em periódicos indexados nos bancos de dados da Scientific Eletronic Library Online (SciELO). Observou-se nítido crescimento no número de publicações científicas a partir do quinquênio e continuidade do aumento até o ano de A cidade que destacou-se com a maior concentração de publicações na área da Moda foi São Paulo com 43% das pesquisas. Do total de artigos analisados 47% foram publicados em periódicos classificados no estrato Qualis B1, 29% Qualis A2, 22% Qualis A1, e apenas 2% dos artigos foram publicados em periódicos Qualis B2. A pesquisa identificou que o setor de Moda é um segmento complexo, que envolve desde a tecnologia do produto à demanda do consumidor, entre outras temáticas, entretanto as pesquisas de maior interesse foram nas áreas de gestão e sobre o mercado do segmento da Moda. PALAVRAS-CHAVE: Gestão, mercado, moda, vestuário, SCIENTOMETRIC STUDY ON THE FASHION SECTOR IN BRAZIL ABSTRACT This work is a national scientific literature scientometric study about the Fashion sector in Brazil, researched in journals indexed in the databases of the Scientific Electronic Library Online (SciELO). Clear increase was observed in the number of scientific publications from the five-year period and continued increase by the year The city that stood out with the highest concentration of publications in the Fashion area was Sao Paulo with 43% of research. Among the articles analyzed 47% were published in journals classified in stratum Qualis B1, 29% Qualis A2, 22% Qualis A1, and only 2% of articles were published in Qualis B2 journals. The research identified that the fashion industry is a complex segment, involving from product to consumer demand technology, among other issues, however the research of most interest were in management and the market segment of Fashion. KEYWORDS: Fashion, clothes, management, marketing. INTRODUÇÃO O setor de moda do Brasil figura entre os principais no mundo, pois representa o quarto maior parque produtivo de confecção e quinto maior produtor têxtil. Além de se destacar como o segundo maior produtor e terceiro maior ENCICLOPÉDIA BIOSFERA, Centro Científico Conhecer - Goiânia, v.11 n.21; p

2 consumidor de denim no mundo. O complexo da moda faturou em 2013 US$ 91 bilhões e foi o responsável por gerar 2,5 milhões de empregos diretos e outros 8 milhões de empregos indiretos. O Brasil possui mais de 350 mil empresas do setor de moda, que foram responsáveis por US$ 9,17 bilhões de exportações e US$ 10,98 bilhões de importações (SISTEMA MODA BRASIL, 2013). A moda reflete na vida das pessoas as mudanças relacionadas aos aspectos estéticos, econômicos, políticos, culturais e sociais. Os indivíduos e a sociedade utilizam a moda para transmitir gosto e estilo de vida. Os estilos de vida emergentes são interpretados por designers para concepção de moda e então transformá-los em produto de moda (CHOLACHATPINYO et al. 2002). A indústria da moda na Europa foi pioneira no desenvolvimento e tornou-se referência seguida da América, entretanto hoje a indústria apresenta-se globalizada e consequentemente tem se tornado um segmento cada vez mais caracterizado por terem roupas criadas por designers em um determinado país, que são fabricadas em outro e finalmente vendidas em um terceiro país. Tornando deste modo a indústria da moda global e dinâmica (RUMFOLA & GUERCINI, 2013). A volatilidade, velocidade, variedade, complexidade e dinamismo caracterizam a indústria da moda pela sua natureza peculiar (CIAMIENÉ & VIENAZINDIENÈ, 2014), de modo que o Ministério do Desenvolvimento, Indústria e Comercio Exterior (MDIC) criou em novembro de 2008, o Sistema Moda Brasil (SMB) com intuito de promover maior desenvolvimento das cadeias produtivas ligadas à indústria da moda. Neste contexto várias entidades governamentais como Apex-Brasil, ABDI, SENAI, SEBRAE e MinC e as maiores entidades privadas do setor de moda passaram a organizar-se e planejar em conjunto projetos que visam pontencializar o setor. Diante de setores de grande importância econômica e social, desenvolve-se o interesse de pesquisadores em realizar estudos de diversas naturezas, com a finalidade de produzir conhecimentos científicos que auxiliem os setores mais relevantes como da economia, saúde, educação e tecnologia. O conhecimento produzido pelas pesquisas científicas deve ser transformadas em comunicação científica e difundidas para todas as áreas do conhecimento. A cienciometria é o estudo dos aspectos de uma disciplina ou uma atividade econômica, é um segmento da sociologia da ciência aplicada no desenvolvimento de políticas científicas. Envolve estudos quantitativos das atividades científicas (MACIAS-CHAPULA, 1998). O objetivo deste trabalho foi identificar quantitativa e qualitativamente as publicações científicas no setor da Moda no Brasil, em periódicos científicos, utilizando a cienciometria. MATERIAL E MÉTODOS O presente trabalho consiste em um estudo cienciométrico de literatura científica nacional sobre o setor de Moda no Brasil. O objeto de análise foi a produção científica veiculada em periódicos indexados nos bancos de dados da Scientific Eletronic Library Online (SciELO), disponível na Biblioteca Virtual por meio do site A presente pesquisa foi realizada conforme recomendações metodológicas de SCHUBERT (1989) e BRAUN (1988) para trabalhos de estudo cienciométrico. A busca dos artigos científicos foi realizada nos meses de fevereiro e março de 2015 e para isso foram utilizados os seguintes descritores: moda, vestuário e ENCICLOPÉDIA BIOSFERA, Centro Científico Conhecer - Goiânia, v.11 n.21; p

3 roupas. O processo de busca, no primeiro momento, permitiu a identificação de 277 artigos científicos, dos quais 157 estavam relacionados com o descritor moda, 54 com roupas e 66 com o descritor vestuário. Em seguida, os trabalhos científicos foram selecionados por meio da avaliação dos títulos e resumos. Os mesmos obedeceram aos seguintes critérios de inclusão: publicações datadas no período compreendido entre 1984 e 2014 e estarem relacionados ao setor de moda. Foram excluídos trabalhos cujos descritores foram empregados em temáticas não relacionadas ao tema central desta pesquisa, por exemplo, o uso da palavra moda em um estudo sobre canções regionais ou outro exemplo, a palavra moda utilizada como termo da área de estatística, entre outros. Após avaliação dos títulos e resumos, 58 trabalhos atenderam aos critérios de seleção e a análise crítica dos trabalhos permitiu a identificação das seguintes informações: eixo temático central da pesquisa, ano de publicação do artigo científico, cidade e estado de origem do autor principal do trabalho e classificação do periódico segundo o critério WebQualis na área interdisciplinar. Esses dados foram tabulados e organizados em planilhas do programa Microsoft Excel RESULTADOS O estudo cienciométrico permitiu identificar o número de artigos publicados na base de dados SciELO de acordo com o ano de publicação, no período compreendido entre os anos de 1984 a 2014, agrupados por qüinqüênios. Observase nítido crescimento no número de publicações científicas a partir do quinquênio e continuidade do aumento no quinquênio consecutivo (Figura 1). FIGURA 1. Número de artigos publicados na base de dados científicos SciELO segundo o ano de publicação. Dentre os 58 (100%) estudos analisados, foram identificados 9 eixos temáticos principais (Figura 2). Dos quais 14 (24%) abordam sobre gestão das empresas do setor de moda, 13 (22%) discorrem sobre marketing/mercado, 7 (12%) discutem a questão da imagem e identificação por meio da moda. Três eixos temáticos, a história, profissionais e a influência da moda foram tema principal de 5 (9%) dos artigos. Apenas 4 (7%) artigos avaliaram os consumidores, 3 (5%) avaliaram as condições de trabalho e 2 (3%) dos artigos analisaram o produto. ENCICLOPÉDIA BIOSFERA, Centro Científico Conhecer - Goiânia, v.11 n.21; p

4 FIGURA 2. Número de estudos publicados periódicos científicos no período de segundo os eixos temáticos. A Figura 3 identifica as cidades de origem das pesquisas científicas relacionada ao setor de moda. A maior contribuição em publicações científicas originaram de autores da cidade de São Paulo com 25 (43%) publicações, seguido da cidade do Rio de Janeiro com 7 (12%), Campinas 5 (9%), Curitiba 4 (7%), Porto Alegre e São Carlos 3 (5%), Brasília, Florianópolis e Salvador 2 (3%). Com apenas 1(2%) publicação figuram as cidades de Belo Horizonte, Campo Grande, Marília, Niterói e Vitória. FIGURA 3. Número de artigos publicados relacionados ao setor da moda, classificados segundo a cidade de origem do autor principal dos estudos. A Figura 4 mostra a classificação dos periódicos científicos segundo critério Qualis Capes na área interdisciplinar, nos quais os 58 artigos selecionados nesta ENCICLOPÉDIA BIOSFERA, Centro Científico Conhecer - Goiânia, v.11 n.21; p

5 pesquisa, sobre o setor de Moda no Brasil foram publicados. Do total de artigos analisados 27 (47%) foram publicados em periódicos classificados no estrato Qualis B1, 17 (29%) Qualis A2, 13 (22%) Qualis A1, e apenas 1 (2%) artigo foi publicado em Qualis B2. FIGURA 4. Número de artigos científicos relacionados ao setor da moda classificados de acordo com os estratos Qualis na área interdisciplinar. DISCUSSÃO Em 2011 o Brasil ocupava a 13 a. posição no ranking internacional de produção científica (PACKER, 2011), caracterizado por aumento significativo nas duas últimas décadas (MUGNAISI et al., 2014). Do mesmo modo, observou-se aumento bastante significativo nas publicações científicas no campo da Moda, entretanto nesta área identificou-se que o crescimento ocorreu somente a partir da última década. Ao analisar tal informação no setor da Moda, pode-se relacionar ao impacto do alto crescimento da economia chinesa nos últimos anos, levando à necessidade de maiores estudos para competir com o mercado, escala de produção e qualidade dos seus produtos (NONNENBERG, 2010). A classificação dos periódicos científicos do setor da Moda realizada nesta pesquisa, detectou maior interesse dos pesquisadores na temática de gestão. Percebe-se nitidamente que há necessidade atual de analisar cadeias produtivas da China comparados com o Brasil (PEREIRA et al., 2011), estratégias de inovação em Arranjos Produtivos Locais (APLs) (BRITO & BERNANDES, 2005; KACHBA et al., 2013; PUGAS et al., 2013), característica da volatilidade da moda (PEREIRA et al., 2014), o sistema de gestão frente às pressões ambientais no setor (BRENDLER & BRANDLI, 2011; COCHIA & MACHADO-DA-SILVA, 2014), desenvolvimento voltado às novas tecnologias (GARCIA et al., 2005; TAVARES, 1991); características regionais da indústria brasileira da Moda (PEREIRA & BUENO, 2008; WILLERS et. Al., 2008), e finalmente, o interesse em analisar o nível de habilidade cognitiva dos empresários no mercado da Moda (LEÃO et al, 2007; LEANDRO & AMATO NETO, 2015). A temática mercado (marketing) figurou como o segundo maior interesse entre os pesquisadores no setor de Moda. Os aspectos neste temário apresentaram diversidades, com pesquisas para grupos específicos como o mercado masculino (DAVIDOVITSCH & SILVA, 2010), mercado de luxo feminino (SÁ & ENCICLOPÉDIA BIOSFERA, Centro Científico Conhecer - Goiânia, v.11 n.21; p

6 MARCONDES, 2010), moda praia (CRUZ & ZOUAIN, 2008; SOUZA & LEÃO, 2013) e segmento voltado para o adolescente (SOUZA & SILVA, 2006). A pesquisa da influência da imagem e identidade na moda brasileira apresentou-se relacionada à identidade do povo, como o Carnaval (BONADIO & GUIMARÃES, 2010) e a imagem do malandro brasileiro (ROCHA, 2006), e outros relacionados à feminilidade (MASSARA, 2013), à elegância (BERGAMO, 2004) e também ao uso de uniformes, com publicações destacando o prestígio de seu uso (FARIAS, 2010) e sua identidade para os profissionais na área da saúde (FONTANELLA et al., 2012, PERES & PADILHA, 2014). A moda foi estudada como influência na vida dos brasileiros por meio da mídia (SCHOSSLER & CORREA, 2011; ARAÚJO & LEORATTO, 2013; MOYA et al, 2007) e de fatos históricos como a segunda guerra mundial (ALMEIDA, 2001; SIMILI, 2008). A história como temário em estudos, apresentou-se com foco de interesse no estudo da Moda com repercussão nas origens européias (AVANZA et al., 2006; BONADIO, 2014; FOSTER, 2011; PONTES, 2004; SCHINDLER, 2001). O interesse em pesquisa acerca dos profissionais da moda foi analisado em temários distintos, nos aspectos dos profissionais em si, como no caso das modelos que são acometidas de anorexia nervosa (FREITAS E CLAUDINO, 2007), do trabalho feminino na indústria do vestuário (GAZZONA, 1997; SIMIONI, 2008, TEIXEIRA, 2009) e nas condições do trabalho e saúde (AUGUSTO et al., 2013; BARCELOS & ATAÍDE, 2004; CUNHA & VIEIRA, 2009). A análise do consumidor foi tema de estudos voltados às características intrínsecas dos usuários, em pesquisa sobre roupas para homossexuais masculinos (ALTAF & TROCCOLI, 2011), moda plus size (ZANETTE et al., 2013), produtos exóticos (LEITÃO, 2007) e pesquisas baseadas na personalidade do consumidor (MONTEIRO et al., 2009). Dentre os temas que emergiram da publicação científica selecionada, o produto de moda foi o tema com menor interesse pelos pesquisadores, foram identificados apenas dois artigos, um estudo acerca de trajes de neoprene (SANTOS et al., 2001) e outro sobre vestuário no conforto da ginástica laboral (TIRLONI & MORO, 2010). A análise quanto a origem dos autores dos artigos científicos permitiu identificar que a cidade de São Paulo - SP se destaca com o maior número de contribuições, seguida pelas cidades de Campinas SP e Rio de Janeiro RJ. Esses dados coincidem com o número de artigos científicos publicados pelas principais universidades no Brasil. Neste ranking a Universidade de São Paulo (USP), Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP) e a Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ) lideram como as três universidades com maior número de publicações científicas no Brasil (CRUZ, 2009). Considerando o critério de avaliação Qualis, instituído pela Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES), fundação do Ministério de Educação e Cultura (MEC), os 58 artigos científicos sobre Moda selecionados na presente pesquisa, procedem de periódicos científicos classificados como os melhores estratos. Identificou-se que a maioria foi publicada em periódicos classificadas no estrato Qualis B1 Interdisciplinar, seguida pelos Qualis A2 e A1. Apenas uma pequena quantidade de artigos foi publicada em periódicos com Qualis B2. ENCICLOPÉDIA BIOSFERA, Centro Científico Conhecer - Goiânia, v.11 n.21; p

7 CONCLUSÃO A análise cienciométrica permitiu identificar que as publicações em periódicos científicos no setor da moda são recentes, visto que aumentaram de modo expressivo somente na última década. A cidade que destacou-se com a maior concentração de publicações na área da moda foi a cidade de São Paulo. A pesquisa identificou que o setor de moda é um segmento complexo, que envolve desde a tecnologia do produto, a demanda do consumidor, entre outras temáticas, entretanto as pesquisas de maior interesse foram acerca das áreas de gestão e do mercado do segmento da moda. REFERÊNCIAS ALMEIDA, A. J. Uniformes da Guarda Nacional ( ): a indumentária na organização e funcionamento de uma associação armada. An. mus. paul., v.8-9, n.1, p ,2001. ALTAF, J. G.; TROCCOLI, I. R. Essa roupa é a minha cara: a contribuição do vestuário de luxo à construção da auto-imagem dos homossexuais masculinos. Organ. Soc., v.18, n.58, p , ARAUJO, D.C.; LEORATTO, D. Alterações da silhueta feminina: a influência da moda. Rev. Bras. Ciênc. Esporte, vol.35, n.3, p ,2013. AUGUSTO, V.G.; SAMPAIO, R.F.; FERREIRA, L.M.; KIRKWOOD, R.N. Working capacity and health: what women workers of the garment industry think. Fisioter. Pesqui., v.20, n.3, pp , AVANZA, M.; LAFERTE, G.; PENISSAT, E. O crédito entre as classes populares francesas: o exemplo de uma loja em Lens. Mana, vol.12, n.1, p. 7-37, BARCELOS, D.D,; ATAIDE, S.G. Risk analysis of noise in industry making clothes. Rev. CEFAC, v.16, n.1, p , BERGAMO, A. Elegância e atitude: diferenças sociais e de gênero no mundo da moda. Cad. Pagu, v.22, p , BONADIO, M. C. A moda no MASP de Pietro Maria Bardi ( ). An. mus. paul., v.22, n.2, p , BONADIO, Maria Claudia and GUIMARAES, Maria Eduarda Araujo. Alceu Penna and the elaboration of a Brazilian style: fashion and costumes. Horiz.antropol. vol.5, p. 0-0, BRAUN, T., SCHUBERT, A. Scientometric versus socio-economic indicators. Scatter plots for 51 countries, Scientometrics, v. 13, n. 1/2, p. 3-9, BRENDLER, E.; BRANDLI, L. L. Integração do sistema de gestão ambiental no sistema de gestão de qualidade em uma indústria de confecções. Gest. Prod. ENCICLOPÉDIA BIOSFERA, Centro Científico Conhecer - Goiânia, v.11 n.21; p

8 v.18, n.1, p.27-40, BRITO, M.G.; BERNARDES, R. Simples aglomerados ou sistemas produtivos Inovadores? Limites e possibilidades para a indústria do vestuário na metrópole paulista. São Paulo Perspec., v.19, n.2, p.71-85, CHOLACHATPINYO, A.; FLETCHER, B.; PADGETT, I.; CROCKER, M. A. conceptual model of the fashion process part 1: The fashion transformation process model. Journal of Fashion Marketing and Management, vol. 6, p.11-23, CIARNIENE,R.; VIENAZINDIENE,M. Management of contemporary fashion industry: characteristics and challenges. Procedia Social and Behavioral and Behavioral Science, vol. 156, p , COCHIA, C. B. R.; MACHADO-DA-SILVA, C. L.. Ambiente, interpretação e estratégia em organizações paranaenses dos setores de vestuário e alimentos. Rev. adm. contemp., vol.8, p , CRUZ, B. P. A.; ZOUAIN, D. M. Atuação de consórcios de exportação brasileiros no segmento de moda praia. RAM, Rev. Adm. Mackenzie. v.9, n.2, p.11-30, CRUZ, C,H,B. Ciência, Tecnologia e Inovação no Brasil: desafios para o período 2011 a 2015 Artigo publicado em Interesse Nacional, 1-22, Junho CUNHA, T., VIEIRA, S.B. Entre o bordado e a renda: condições de trabalho e saúde das labirinteiras de Juarez Távora/Paraíba. Psicol. cienc. prof., v.29, n.2, p , DAVIDOVITSCH, L.; SILVA, J. F. Algumas implicações da percepção dos valores simbólicos das roupas: gênero masculino em foco. RAM, Rev. Adm. Mackenzie, v.11, n.1, p , FARIAS, R.C.P. Transubstanciação simbólica do uniforme de trabalho em signo de prestígio. An. mus. paul., v.18, n.2, pp , FONTANELLA, B.J.B; SILVA, F.R.; GOMES, R. Rituais e símbolos na atenção formal à saúde: o caso do vestuário profissional, na ótica de pacientes da Atenção Básica. Physis. v.22, n.2, p , FOSTER, H. Design e crime. ARS (São Paulo), vol.9, n.18, p , FREITAS, S R.; CLAUDINO, A.M. O lado oculto do mundo da moda. J. bras. psiquiatr. v.56, n.1, p GARCIA, R. MOTTA, F.; SCUR, G.; LUPATINI, M.; CRUZ-MOREIRA, J.R. Esforços inovativos de empresas no Brasil: uma análise das indústrias têxtilvestuário, calçados, móveis e cerâmica. São Paulo Perspec., v.19, n.2, p , ENCICLOPÉDIA BIOSFERA, Centro Científico Conhecer - Goiânia, v.11 n.21; p

9 GAZZONA, Raquel da Silva. Trabalho feminino na indústria do vestuário. Educ. Soc., v.18, n.61, p , KACHBA, Y.R.; HATAKEYAMA, K. Estratégias de inovação em APLs: viés para o desenvolvimento de produtos de moda. Prod., v.23, n.4, p Epub Mar 19, LEANDRO, C.R.; AMATO NETO, J. Uma abordagem cognitiva sobre o processo de institucionalização de sistemas locais de produção e inovação. Prod. ahead of print, pp Epub Feb 23, LEAO, A.L.M.S.; SOUZA NETO, A.F.; MELLO, S.C.B. Compreendendo os valores das marcas: aplicação da lista de valores em diferentes indústrias. Rev. adm. contemp., v.11, n.2, p , LEITAO, D.K. Nós, os outros: construção do exótico e consumo de moda brasileira na França. Horiz. antropol., v.13, n.28, p , MACIAS-CHAPULA, C. A. O papel da informetria e da cienciometria e sua perspectiva nacional e internacional. Ci. Inf., v.27, n.2, pp , MASSARA, I.H.M. Feminilidade: um detalhe. Fractal, Rev. Psicol., v.5, n. 3, p , MONTEIRO, P.R.R.; VEIGA, R.T.; GONCALVES, C.A. Previsão de comportamentos de consumo usando a personalidade. RAE electron., v.8, n.2, p. 1-10, MOYA, T., CLAUDINO, A.M.; FURTH, E.F. Acerca de documento da Comissão Técnica da ABP intitulado Diretrizes para a Indústris da Moda, Rev. Bras. Psiquiatr., v.29, n. 3, MUGNAINI, R.; DIGIAMPIETRI, L.A.; MENA-CHALCO, J.P. Comunicação científica no Brasil ( ): indexação, crescimento, fluxo e dispersão. Transformação, v.26, n.3, p , NONNENBERG, M.J.B. China: estabilidade e crescimento econômico. Rev.econ.politica, v.2, n. 118, p , PACKER, A.L. A presença dos periódicos brasileiros na comunicação da pesquisa nacional. Revista USP, v. 89, p , PEREIRA, G.M.; BIASON, I.M.; SELLITTO, M.A.; BORCHARDT, M. Comparando flexibilidade no produto, custos e velocidade de desenvolvimento na indústria da moda chinesa e brasileira. Prod. v.21, n.1, p , PEREIRA, G.M.; BORCHARDT, M,; SELLITTO, M.A. Moda rápida na indústria calçadista: intervenção setorial no arranjo produtivo de Nova Serrana. Gest. Prod. v.21, n.3, p , ENCICLOPÉDIA BIOSFERA, Centro Científico Conhecer - Goiânia, v.11 n.21; p

10 PEREIRA, M.C.F.; BUENO, C. M. L.; BITTAR P. A presença feminina nas indústrias de lingerie na cidade de Franca. Fractal, Rev. Psicol., v.20, n.2, p , PERES, M.A.A.; PADILHA, M.I.C.S. Uniform as a sign of a new nursing identity in Brazil ( ). Esc. Anna Nery. v.18, n.1, p , PONTES, H. Modas e modos: uma leitura enviesada de O espírito das roupas. Cad. Pagu., n.22, p , PUGAS, P.G.O.; CALEGARIO, C.L.L.; ANTONIALLI, L.M. Aglomerados e visão baseada em recursos: as capacidade organizacionais de empresas inseridas em um aglomerado do setor de vestuário em Minas Gerais. Rev. Adm., v. 48, n.3, p , ROCHA, G. "Navalha não corta seda": Estética e Performance no Vestuário do Malandro. Tempo, v.10, n.20, p , RUNFOLA, A.; GUERCINI, S. Fast fashion companies coping with internationalization: driving the change or changing the model? Journal of Fashion Marketing and Management, v.17, p , SA, R.R.L.G.; MARCONDES, R.C. O ponto de vendas de produtos de luxo da moda de vestuário feminino no Brasil. Cad. EBAPE.BR, v.8, n.3, p , SANTOS, K.B.; BENTO, P.C.B.; RODACKI, A.L.F. Efeito do traje de neoprene sobre variáveis técnicas, fisiológicas e perceptivas de nadadores. Rev.bras.educ.fis. esporte, v.25,n.2, p , SCHINDLER, H. Plumas como enfeites da moda. Hist. cienc. Saude, v.8, suppl., p , SCHOSSLER, J.C.; CORREA, S.M.S. Dos cuidados com o corpo feminino em reclames na Revista do Globo da década de Rev. Estud. Fem., v.19, n.1, p SCHUBERT, A., GLANZEL, W., BRAUN, T. Scientometric datafiles: a comprehensive set of indicators on 2649 journals and 96 countries in all major science fields and subfields Scientometrics, n.16, p , SIMILI, I.G. Educação e produção de moda na Segunda Guerra Mundial: as voluntárias da Legião Brasileira de Assistência. Cad. Pagu. n.31, p , SIMIONI, A.P.C. Mulheres e moda em São Paulo: das vitrines iluminadas às sombrias salas de costura. Cad. Pagu, n.31, p , SISTEMA MODA BRASIL, Dados setoriais Informações sobre o setor de Moda no Brasil, Disponível em: ENCICLOPÉDIA BIOSFERA, Centro Científico Conhecer - Goiânia, v.11 n.21; p

11 <http://www.sistemamodabrasil.com.br/#>. Acesso em: 15/03/2015. SOUZA, A.S.; SILVA, C.P. O consumo na vida de adolescentes de diferentes condições socioeconômicas: uma reflexão para o marketing no Brasil. Cad. EBAPE.BR, v.4, n.1, p , SOUZA, I.L.; LEÃO, A.L.M.S. Movimento sensual: um estudo da narrativa mitológica na publicidade de uma marca de moda praia. Revista O&S, v. 20, n.67, p , TAVARES, S.R.S. Modernização industrial em indústria de mão-de-obra: automação, informatização e inovações organizacionais na indústria do vestuário. Prod., v.1, n.1, p , TEIXEIRA, C.M. As mulheres no mundo do trabalho: ação das mulheres, no setor fabril, para a ocupação e democratização dos espaços público e privado. Psic.: Teor. e Pesq., v.25, n.2, p , TIRLONI, A.S.; MORO, A.R.P. Interferência do vestuário no desempenho, na amplitude de movimento e no conforto na ginástica laboral. Rev. Bras.Cineantropom.Desempenho.Hum, v.12, n.12, p , WILLERS, E.M; LIMA, J.F.; STADUTO, J.A.R. Desenvolvimento local, empreendedorismo e capital social: o caso de Terra Roxa no estado do Paraná. Interações (Campo Grande), v.9, n.1, p , ZANETTE, M.C.; LOURENCO, C.E.; BRITO, E.P.Z. O peso do varejo, o peso no varejo e a identidade: uma análise de consumidoras plus size. Rev. adm. empres.,v.53, n.6, p , ENCICLOPÉDIA BIOSFERA, Centro Científico Conhecer - Goiânia, v.11 n.21; p

PRODUÇÃO CIENTÍFICA DOS PROGRAMAS DE PÓS- GRADUAÇÃO DE EXCELÊNCIA NO BRASIL: colaboração internacional e impacto na área de Zootecnia

PRODUÇÃO CIENTÍFICA DOS PROGRAMAS DE PÓS- GRADUAÇÃO DE EXCELÊNCIA NO BRASIL: colaboração internacional e impacto na área de Zootecnia PRODUÇÃO CIENTÍFICA DOS PROGRAMAS DE PÓS- GRADUAÇÃO DE EXCELÊNCIA NO BRASIL: colaboração internacional e impacto na área de Zootecnia Fabio Sampaio Rosas (UNESP) fabiosrosas@hotmail.com Maria Cláudia Cabrini

Leia mais

ANÁLISE CIENCIOMÉTRICA DE ARTIGOS PUBLICADOS NA SCIELO SOBRE O TEMA CRONOBIOLOGIA E DEPRESSÃO SAZONAL

ANÁLISE CIENCIOMÉTRICA DE ARTIGOS PUBLICADOS NA SCIELO SOBRE O TEMA CRONOBIOLOGIA E DEPRESSÃO SAZONAL ANÁLISE CIENCIOMÉTRICA DE ARTIGOS PUBLICADOS NA SCIELO SOBRE O TEMA CRONOBIOLOGIA E DEPRESSÃO SAZONAL Scientometric analysis of articles published in Scielo on the subject chronobiology and seasonal depression

Leia mais

6 Referências bibliográficas

6 Referências bibliográficas 6 Referências bibliográficas ALMEIDA, S. O.; LOPES, T. C.; PEREIRA, R. de C. F. A produção científica em marketing de relacionamento no Brasil entre 1990 e 2004. In: Anais do Encontro de Marketing, 2.

Leia mais

CURSO DE DESIGN DE MODA

CURSO DE DESIGN DE MODA 1 CURSO DE EMENTÁRIO DAS DISCIPLINAS 2011.1 BRUSQUE (SC) 2013 2 SUMÁRIO 1ª FASE... 3 01 CRIATIVIDADE... 3 02 HISTÓRIA DA ARTE E DO DESIGN... 3 03 INTRODUÇÃO AO... 3 04 LEITURA E PRODUÇÃO DE TEXTO... 3

Leia mais

O CENÁRIO DO PÓLO DE CONFECÇÕES DO AGRESTE DE PERNAMBUCO

O CENÁRIO DO PÓLO DE CONFECÇÕES DO AGRESTE DE PERNAMBUCO O CENÁRIO DO PÓLO DE CONFECÇÕES DO AGRESTE DE PERNAMBUCO Autora: IZABELLE SOUSA BARROS Resumo Este artigo propõe uma reflexão sobre o atual cenário do Arranjo Produtivo Local de Confecções do Agreste Pernambucano

Leia mais

O consumo dos brasileiros atingirá R$ 3,7 trilhões, em 2015

O consumo dos brasileiros atingirá R$ 3,7 trilhões, em 2015 O consumo dos brasileiros atingirá R$ 3,7 trilhões, em 2015 A potencialidade de consumo dos brasileiros deve chegar a R$ 3,730 trilhões neste ano, ao mesmo tempo em que revela significativo aumento dos

Leia mais

Caso APL Calçado de Nova Serrana, MG Carlos Tarrasón Cluster Consulting. 5 de dezembro de 2013 Brasília, DF

Caso APL Calçado de Nova Serrana, MG Carlos Tarrasón Cluster Consulting. 5 de dezembro de 2013 Brasília, DF Caso APL Calçado de Nova Serrana, MG Carlos Tarrasón Cluster Consulting 5 de dezembro de 2013 Brasília, DF Passo 1. Entendimento da realidade do APL em 2008 Concentração geográfica dos produtores Pitangui

Leia mais

A IMPORTÂNCIA DOS REGISTROS DE ENFERMAGEM PARA AUDITORIA DE CONTAS HOSPITALARES: REVISÃO DE LITERATURA

A IMPORTÂNCIA DOS REGISTROS DE ENFERMAGEM PARA AUDITORIA DE CONTAS HOSPITALARES: REVISÃO DE LITERATURA A IMPORTÂNCIA DOS REGISTROS DE ENFERMAGEM PARA AUDITORIA DE CONTAS HOSPITALARES: REVISÃO DE LITERATURA Ane Marielle Miranda Martins * Katty Carolinne Lêdo Vieira Cardoso* RESUMO: Esse trabalho tem como

Leia mais

O Crescimento da Indústria da Moda e o Papel do Fashion Lawyer

O Crescimento da Indústria da Moda e o Papel do Fashion Lawyer O Crescimento da Indústria da Moda e o Papel do Fashion Lawyer A moda brasileira em números Dados Gerais Dados gerais do setor atualizados em 2013, referentes ao ano de 2012 Faturamento da Cadeia Têxtil

Leia mais

A pesquisa textual em bases de dados e os recursos disponíveis no âmbito da Biblioteca Virtual em Saúde - BVS

A pesquisa textual em bases de dados e os recursos disponíveis no âmbito da Biblioteca Virtual em Saúde - BVS A pesquisa textual em bases de dados e os recursos disponíveis no âmbito da Biblioteca Virtual em Saúde - BVS Competência informacional é um conjunto de competências de aprendizagem e pensamento crítico

Leia mais

PROJETO DE PESQUISA Acesso da população atendida em Ubá-MG aos serviços referentes à saúde mental na Policlínica Regional Dr. Eduardo Levindo Coelho

PROJETO DE PESQUISA Acesso da população atendida em Ubá-MG aos serviços referentes à saúde mental na Policlínica Regional Dr. Eduardo Levindo Coelho Mariana de Almeida Giffoni Matheus Costa Cabral PROJETO DE PESQUISA Acesso da população atendida em Ubá-MG aos serviços referentes à saúde mental na Policlínica Regional Dr. Eduardo Levindo Coelho Orientadoras:

Leia mais

A DIFERENCIAÇÃO DA RENDA DO TRABALHO NAS REGIÕES SUL E SUDESTE DO BRASIL

A DIFERENCIAÇÃO DA RENDA DO TRABALHO NAS REGIÕES SUL E SUDESTE DO BRASIL A DIFERENCIAÇÃO DA RENDA DO TRABALHO NAS REGIÕES SUL E SUDESTE DO BRASIL Amarildo Hersen (Economista, Mestre em Desenvolvimento Regional e Agronegócio, docente UNICENTRO) e-mail: amarildohersen@yahoo.com.br.

Leia mais

2ª APRESENTAÇÃO PÚBLICA: Visão de Futuro. Reforço da Competitividade do APL de Moda Íntima de Juruaia

2ª APRESENTAÇÃO PÚBLICA: Visão de Futuro. Reforço da Competitividade do APL de Moda Íntima de Juruaia 2ª APRESENTAÇÃO PÚBLICA: Visão de Futuro Reforço da Competitividade do APL de Moda Íntima de Juruaia Juruaia, 16/09/2010 SEDE Secretária de Desenvolvimento Econômico de Minas Gerais Reforço da Competitividade

Leia mais

HIV/AIDS EM IDOSOS: UMA REVISÃO INTEGRATIVA DA LITERATURA

HIV/AIDS EM IDOSOS: UMA REVISÃO INTEGRATIVA DA LITERATURA HIV/AIDS EM IDOSOS: UMA REVISÃO INTEGRATIVA DA LITERATURA Fabiana Medeiros de Brito (NEPB/UFPB). E-mail: fabianabrito_@hotmail.com Eveline de Oliveira Barros (NEPB/UFPB). E-mail: evinhabarros@gmail.com

Leia mais

AS PERSPECTIVAS DA ECONOMIA CRIATIVA NO BRASIL PARA GERAÇÃO DE EMPREGO E RENDA

AS PERSPECTIVAS DA ECONOMIA CRIATIVA NO BRASIL PARA GERAÇÃO DE EMPREGO E RENDA AS PERSPECTIVAS DA ECONOMIA CRIATIVA NO BRASIL PARA GERAÇÃO DE EMPREGO E RENDA Miranda Aparecida de Camargo luckcamargo@hotmail.com Acadêmico do Curso de Ciências Econômicas/UNICENTRO Luana Sokoloski sokoloski@outlook.com

Leia mais

CONSELHO TEMÁTICO DA MICRO, PEQUENA E MÉDIA INDÚSTRIA

CONSELHO TEMÁTICO DA MICRO, PEQUENA E MÉDIA INDÚSTRIA ASSUNTOS TRATADOS Cartilha sobre produtos e serviços bancários para Micro e Pequenos Empresários Apresentação dos cases de sucesso e fracasso no setor da Construção Civil Notícias sobre o Fórum Permanente

Leia mais

Profissionais Portugueses no Brasil. Empresas Familiares

Profissionais Portugueses no Brasil. Empresas Familiares Profissionais Portugueses no Brasil Empresas Familiares Tópicos Abordados As Gerações e o Mercado de Trabalho Empresas Familiares no Brasil Cenário Brasileiro e Estatísticas de Emprego no Brasil Características

Leia mais

MODELAGEM APLICADA À INDÚSTRIA DE CONFECÇÃO: ESTUDO PRÁTICO NA CIDADE DE CIANORTE PR

MODELAGEM APLICADA À INDÚSTRIA DE CONFECÇÃO: ESTUDO PRÁTICO NA CIDADE DE CIANORTE PR MODELAGEM APLICADA À INDÚSTRIA DE CONFECÇÃO: ESTUDO PRÁTICO NA CIDADE DE CIANORTE PR Marlina Salvador Radi 1 Carla Hidalgo Capelassi 2 Joyce Pavão do Prado 3 RESUMO Devido à importância do setor de no

Leia mais

INCIDÊNCIA DE AIDS POR SEXO NO ESTADO DE MINAS GERAIS, NO PERÍODO DE 2007 A 2010. AIDS INCIDENCE BY SEX IN STATE OF MINAS GERAIS, FROM 2007 TO 2010.

INCIDÊNCIA DE AIDS POR SEXO NO ESTADO DE MINAS GERAIS, NO PERÍODO DE 2007 A 2010. AIDS INCIDENCE BY SEX IN STATE OF MINAS GERAIS, FROM 2007 TO 2010. INCIDÊNCIA DE AIDS POR SEXO NO ESTADO DE MINAS GERAIS, NO PERÍODO DE 2007 A 2010. AIDS INCIDENCE BY SEX IN STATE OF MINAS GERAIS, FROM 2007 TO 2010. Larissa de Oliveira Abrantes 1 ; Amanda Cristina Souza

Leia mais

Ementário do curso de Design de Moda Grade 2011/1

Ementário do curso de Design de Moda Grade 2011/1 1 1 INTRODUÇÃO AO DESIGN DE MODA Terminologias e conceitos da área. Contextualização e processo de moda. Mercado. Ciência e. 2 LEITURA E PRODUÇÃO DE TEXTO Leitura analítica e crítica. Gêneros textuais.

Leia mais

A DIVULGAÇÃO DAS PESQUISAS DE DOCENTES DO DEPARTAMENTO DE ENFERMAGEM DA UNIVERSIDADE ESTADUAL DE LONDRINA

A DIVULGAÇÃO DAS PESQUISAS DE DOCENTES DO DEPARTAMENTO DE ENFERMAGEM DA UNIVERSIDADE ESTADUAL DE LONDRINA 25 a 28 de Outubro de 2011 ISBN 978-85-8084-055-1 A DIVULGAÇÃO DAS PESQUISAS DE DOCENTES DO DEPARTAMENTO DE ENFERMAGEM DA UNIVERSIDADE ESTADUAL DE LONDRINA Glauciane Marques de Assis Berteloni 1 ; Maria

Leia mais

ANÁLISE DA PRODUÇÃO CIENTÍFICA DE DEZ ANOS DOS CADERNOS DE PÓS-GRADUAÇÃO EM DISTÚRBIOS DO DESENVOLVIMENTO.

ANÁLISE DA PRODUÇÃO CIENTÍFICA DE DEZ ANOS DOS CADERNOS DE PÓS-GRADUAÇÃO EM DISTÚRBIOS DO DESENVOLVIMENTO. ANÁLISE DA PRODUÇÃO CIENTÍFICA DE DEZ ANOS DOS CADERNOS DE PÓS-GRADUAÇÃO EM DISTÚRBIOS DO DESENVOLVIMENTO. ANALYSES OF TEN YEARS OF SCIENTIFIC PRODUCTION OF THE JOURNAL CADERNOS DE PÓS-GRADUAÇÃO EM DISTÚRBIOS

Leia mais

Critérios para certificação de Sites SciELO: critérios, política e procedimentos para a classificação e certificação dos sites da Rede SciELO

Critérios para certificação de Sites SciELO: critérios, política e procedimentos para a classificação e certificação dos sites da Rede SciELO Critérios para certificação de Sites SciELO: critérios, política e procedimentos para a classificação e certificação dos sites da Rede SciELO Versão Março 2008 1 Introdução Este documento tem por objetivo

Leia mais

POLÍTICA DE EXPANSÃO E ATUALIZAÇÃO DO ACERVO DA BIBLIOTECA DA FAIP

POLÍTICA DE EXPANSÃO E ATUALIZAÇÃO DO ACERVO DA BIBLIOTECA DA FAIP POLÍTICA DE EXPANSÃO E ATUALIZAÇÃO DO ACERVO DA BIBLIOTECA DA FAIP 1. POLÍTICA DE EXPANSÃO E ATUALIZAÇÃO DO ACERVO DA BIBLIOTECA DA FAIP 1.1. Objetivos Nas últimas décadas as bibliotecas passaram por mudanças

Leia mais

A QUESTÃO DA SEGURANÇA NO VESTUÁRIO INFANTIL

A QUESTÃO DA SEGURANÇA NO VESTUÁRIO INFANTIL A QUESTÃO DA SEGURANÇA NO VESTUÁRIO INFANTIL The Issue of Security in Children's Clothing Silva, Francislaine Pereira da; Pós Graduanda; SENAI; Bacharel; Universidade Estadual de Londrina frannn_pereira@hotmail.com

Leia mais

Histórico do Programa Brasileiro do Design

Histórico do Programa Brasileiro do Design Histórico do Programa Brasileiro do Design 1995 Lançamento do Programa Brasileiro do Design; Exposição: "O Brasil Mostra sua Marca". 1996 Concurso da Logomarca do PBD; Estudo: "Design para a Competitividade".

Leia mais

UTILIZAÇÃO DE SITES DE COMPRA COLETIVA, POR EMPRESAS DO RAMO ALIMENTÍCIO, COMO ESTRATÉGIA DE MARKETING

UTILIZAÇÃO DE SITES DE COMPRA COLETIVA, POR EMPRESAS DO RAMO ALIMENTÍCIO, COMO ESTRATÉGIA DE MARKETING UTILIZAÇÃO DE SITES DE COMPRA COLETIVA, POR EMPRESAS DO RAMO ALIMENTÍCIO, COMO ESTRATÉGIA DE MARKETING Monique Michelon 1 Lorete Kossowski 2 RESUMO O empreendedorismo no Brasil vive hoje um cenário promissor,

Leia mais

EMENTAS DAS DISCIPLINAS DO PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM ADMINISTRAÇÃO MESTRADO e DOUTORADO

EMENTAS DAS DISCIPLINAS DO PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM ADMINISTRAÇÃO MESTRADO e DOUTORADO 1 MESTRADO: EMENTAS DAS DISCIPLINAS DO PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM ADMINISTRAÇÃO MESTRADO e DOUTORADO A) DISCIPLINAS OBRIGATÓRIAS DAS LINHAS 1 e 2: Estudos Organizacionais e Sociedade e Marketing e Cadeias

Leia mais

INOVAÇÃO DE PRODUTO, PROCESSO, ORGANIZACIONAL E DE MARKETING NAS INDÚSTRIAS BRASILEIRAS

INOVAÇÃO DE PRODUTO, PROCESSO, ORGANIZACIONAL E DE MARKETING NAS INDÚSTRIAS BRASILEIRAS INOVAÇÃO DE PRODUTO, PROCESSO, ORGANIZACIONAL E DE MARKETING NAS INDÚSTRIAS BRASILEIRAS Fábio Luiz Papaiz Gonçalves Faculdade de Administração CEA Centro de Economia e Administração fabiopapaiz@gmail.com

Leia mais

PROGRAMAS PARA FORTALECER A COMPETITIVIDADE SETOR DE BRINQUEDOS

PROGRAMAS PARA FORTALECER A COMPETITIVIDADE SETOR DE BRINQUEDOS PROGRAMAS PARA FORTALECER A COMPETITIVIDADE SETOR DE BRINQUEDOS 1 Setor de Brinquedos Estratégias: Ampliação de Acesso e Conquista de Mercado Objetivos: 1 - Aumentar a competitividade; 2 - consolidar o

Leia mais

EDUCAÇÃO PERMANENTE E CONTINUADA: INSTRUMENTO PARA A PRÁTICA DE ENFERMAGEM

EDUCAÇÃO PERMANENTE E CONTINUADA: INSTRUMENTO PARA A PRÁTICA DE ENFERMAGEM EDUCAÇÃO PERMANENTE E CONTINUADA: INSTRUMENTO PARA A PRÁTICA DE ENFERMAGEM Eliese Denardi Cesar 1 Luciane Stanislawski de Souza 2 Roberta Mota Holzschuh 3 Graciela Gonsalves Borba 4 Janaína Kettenhuber

Leia mais

Organização da produção - Renato Garcia, setembro de 2005. renato.garcia @poli.usp.br

Organização da produção - Renato Garcia, setembro de 2005. renato.garcia @poli.usp.br Mesa - Organização da Produção Caracterização da estrutura produtiva em Sistemas Locais de Produção (APLs) proposições e implicações de políticas Renato Garcia, POLI-USP renato.garcia@poli.usp.br Apresentação

Leia mais

Palavras-chave: Arranjos Produtivos Locais; Economia do conhecimento; Incubação de empresa; Política Pública; Pernambuco.

Palavras-chave: Arranjos Produtivos Locais; Economia do conhecimento; Incubação de empresa; Política Pública; Pernambuco. OS ARRANJOS PRODUTIVOS LOCAIS NO DESENVOLVIMENTO DA ECONOMIA DO CONHECIMENTO: UM ESTUDO DE CASO NO PROGRAMA DE INCUBAÇÃO DE EMPRESAS DE BASE TECNOLÓGICA DO INSTITUTO DE TECNOLOGIA DE PERNAMBUCO Christianne

Leia mais

Nome da área, ex.: Departamento Comercial. Assunto da apresentação MZM Store

Nome da área, ex.: Departamento Comercial. Assunto da apresentação MZM Store Nome da área, ex.: Departamento Comercial Assunto da apresentação MZM Store Morena Rosa Group: Uma das Empresas Líderes no Setor de Moda Feminina MORENA ROSA Group Principais números do Morena Rosa Group

Leia mais

A PRODUÇÃO DO CONHECIMENTO CIENTÍFICO EM GERONTOLOGIA E GERIATRIA NO BRASIL

A PRODUÇÃO DO CONHECIMENTO CIENTÍFICO EM GERONTOLOGIA E GERIATRIA NO BRASIL 25 a 28 de Outubro de 2011 ISBN 978-85-8084-055-1 A PRODUÇÃO DO CONHECIMENTO CIENTÍFICO EM GERONTOLOGIA E GERIATRIA NO BRASIL Mayara Caroline Barbieri 1 ; Amanda Marques Padilha 2 ; Maria Aparecida Salci

Leia mais

O desafio de aumentar o impacto da ciência brasileira

O desafio de aumentar o impacto da ciência brasileira O desafio de aumentar o impacto da ciência brasileira Carlos Henrique de Brito Cruz Diretor Científico FAPESP 23/05/2013 desafio-impacto-confap-20130522.pptx; C.H. Brito Cruz e Fapesp 1 Desafios para a

Leia mais

Introdução de Práticas de Inovação Contínua nas Micro e Pequenas Empresas do Arranjo Produtivo Local do Vestuário de Maringá: um Estudo de Caso

Introdução de Práticas de Inovação Contínua nas Micro e Pequenas Empresas do Arranjo Produtivo Local do Vestuário de Maringá: um Estudo de Caso Introdução de Práticas de Inovação Contínua nas Micro e Pequenas Empresas do Arranjo Produtivo Local do Vestuário de Maringá: um Estudo de Caso Cleina Yayoe Okoshi, Francisco Rodrigues Lima Junior, Leandro

Leia mais

Palavras-chave: Suplementos Alimentares, Musculação, Academia de Ginástica.

Palavras-chave: Suplementos Alimentares, Musculação, Academia de Ginástica. PERFIL DOS CONSUMIDORES DE SUPLEMENTOS ALIMENTARES PRATICANTES DE MUSCULAÇÃO EM ACADEMIAS DE TERESINA. Conceição de Maria Aguiar Carvalho Francisco Evaldo Orsano RESUMO: O aumento da oferta de suplementos

Leia mais

Investe São Paulo. Campinas, 17 de março de 2015

Investe São Paulo. Campinas, 17 de março de 2015 Investe São Paulo Campinas, 17 de março de 2015 Missão Ser a porta de entrada para novos investimentos e a expansão dos negócios existentes, gerando inovação tecnológica, emprego e renda. Promover a competitividade

Leia mais

REVISTA DA FACULDADE DE CIÊNCIAS ADMINISTRATIVAS DE CURVELO

REVISTA DA FACULDADE DE CIÊNCIAS ADMINISTRATIVAS DE CURVELO ISSN 1677-5589 REVISTA DA FACULDADE DE CIÊNCIAS ADMINISTRATIVAS DE CURVELO VOLUME 2 CURVELO/MG 2003 A REVISTA DA FACULDADE DE CIÊNCIAS ADMINISTRATIVAS DE CURVELO divulga matéria de exclusivo interesse

Leia mais

APRESENTAÇÃO OBJETIVO DO CURSO

APRESENTAÇÃO OBJETIVO DO CURSO 1 APRESENTAÇÃO Segundo Diretrizes Curriculares Nacionais dos Cursos de Graduação em Design (2004), o curso de graduação em Design deve ensejar, como perfil desejado do formando, capacitação para a apropriação

Leia mais

Hotelaria Hospitalar. Comunicação e Treinamentos Histórico da Empresa e Sua Sócia Fundadora

Hotelaria Hospitalar. Comunicação e Treinamentos Histórico da Empresa e Sua Sócia Fundadora Hotelaria Hospitalar Comunicação e Treinamentos Histórico da Empresa e Sua Sócia Fundadora Hotelaria Hospitalar Comunicação e Treinamentos Histórico da Empresa Data da Fundação e Público Alvo; Missão,

Leia mais

ÍNDICE INSTITUIÇÃO TÍPICA DO TERCEIRO SETOR DE BELO HORIZONTE...1. 1. A Instituição Típica do Terceiro Setor por Principal Área de Atividade...

ÍNDICE INSTITUIÇÃO TÍPICA DO TERCEIRO SETOR DE BELO HORIZONTE...1. 1. A Instituição Típica do Terceiro Setor por Principal Área de Atividade... ÍNDICE INSTITUIÇÃO TÍPICA DO TERCEIRO SETOR DE BELO HORIZONTE...1 1. A Instituição Típica do Terceiro Setor por Principal Área de Atividade...5 A Instituição Típica da Área de Cultura...5 A Instituição

Leia mais

TRABALHO E EDUCAÇÃO NA PÓS-GRADUAÇÃO STRICTO SENSU: expansão e desafios para o Mestrado Profissional no Brasil

TRABALHO E EDUCAÇÃO NA PÓS-GRADUAÇÃO STRICTO SENSU: expansão e desafios para o Mestrado Profissional no Brasil TRABALHO E EDUCAÇÃO NA PÓS-GRADUAÇÃO STRICTO SENSU: expansão e desafios para o Mestrado Profissional no Brasil QUARESMA, Adilene Gonçalves Centro Universitário UNA RESUMO O mestrado profissional é uma

Leia mais

Análise da produção científica dos docentes do Departamento de Ciência da Informação da UFPE indexada no portal de periódicos da capes.

Análise da produção científica dos docentes do Departamento de Ciência da Informação da UFPE indexada no portal de periódicos da capes. Análise da produção científica dos docentes do Departamento de Ciência da Informação da UFPE indexada no portal de periódicos da capes. Natanael Vitor Sobral (UFPE) natan_sobral@yahoo.com.br Ielma Costa

Leia mais

MAISMKT - Ações em Marketing e uma empresa voltada para avaliação do atendimento, relacionamento com cliente, e marketing promocional.

MAISMKT - Ações em Marketing e uma empresa voltada para avaliação do atendimento, relacionamento com cliente, e marketing promocional. Empresa MAISMKT - Ações em Marketing e uma empresa voltada para avaliação do atendimento, relacionamento com cliente, e marketing promocional. Nossa filosofia e oferecer ferramentas de gestão focadas na

Leia mais

O CUIDAR HUMANIZADO AO IDOSO: REVISÃO SISTEMÁTICA

O CUIDAR HUMANIZADO AO IDOSO: REVISÃO SISTEMÁTICA O CUIDAR HUMANIZADO AO IDOSO: REVISÃO SISTEMÁTICA Jéssyka Cibelly Minervina da Costa Silva (NEPB/UFPB) jessykacibelly@gmail.com Kalina Coeli Costa de Oliveira Dias (NEPB/UFPB) kalinacoeli@gmail.com Ana

Leia mais

Novas perspectivas do varejo e o impacto no setor de vestuário Relatório de Inteligência Analítico - novembro 2012

Novas perspectivas do varejo e o impacto no setor de vestuário Relatório de Inteligência Analítico - novembro 2012 Vestuário Novas perspectivas do varejo e o impacto no setor de vestuário Relatório de Inteligência Analítico - novembro 2012 Resumo Executivo Em um cenário de empresas cada vez mais competitivas, compreender

Leia mais

Abel L. Packer Programa SciELO FAPESP CNPq BIREME/OPAS/OMS - FapUNIFESP

Abel L. Packer Programa SciELO FAPESP CNPq BIREME/OPAS/OMS - FapUNIFESP linhas de ação para aperfeiçoar a qualidade, aumentar o impacto internacional e fortalecer a sustentabilidade dos periódicos brasileiros em acesso aberto consulta em curso pela ABEC e SciELO Abel L. Packer

Leia mais

ALCOOLISMO ENTRE ACADÊMICOS DE ENFERMAGEM: UM ESTUDO TRANSVERSAL

ALCOOLISMO ENTRE ACADÊMICOS DE ENFERMAGEM: UM ESTUDO TRANSVERSAL ALCOOLISMO ENTRE ACADÊMICOS DE ENFERMAGEM: UM ESTUDO TRANSVERSAL RESUMO Descritores: Alcoolismo. Drogas. Saúde Pública. Introdução Durante a adolescência, o indivíduo deixa de viver apenas com a família

Leia mais

A venda do conceito Outer. está acima da venda de nossos produtos. Breno Bulus - sócio e designer

A venda do conceito Outer. está acima da venda de nossos produtos. Breno Bulus - sócio e designer Tudo começou a partir do sonho de desenvolver uma marca sólida e de personalidade única no cenário carioca, com o objetivo de fornecer lazer e bem estar. E foi com essa ideia na cabeça que em 2004 foi

Leia mais

Fashion Marketing & Communication

Fashion Marketing & Communication Os programas de Pós-Graduação oferecidos pela Faculdade de Tecnologia do Istituto Europeo di Design estão em conformidade legal e atendem as Resoluções CNE/CES nº 1, de 3 de abril de 2001 e nº 1, de 8

Leia mais

EMENTAS DAS DISCIPLINAS DO PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM ADMINISTRAÇÃO MESTRADO e DOUTORADO

EMENTAS DAS DISCIPLINAS DO PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM ADMINISTRAÇÃO MESTRADO e DOUTORADO 1 EMENTAS DAS DISCIPLINAS DO PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM ADMINISTRAÇÃO MESTRADO e DOUTORADO MESTRADO: A) DISCIPLINAS OBRIGATÓRIAS DAS LINHAS 1 e 2: Organizações e Estratégia e Empreendedorismo e Mercado

Leia mais

FONTES PARA O ESTUDO DO TURISMO

FONTES PARA O ESTUDO DO TURISMO REVISTA CIENTÍFICA ELETRÔNICA TURISMO PERIODICIDADE SEMESTRAL ANO III EDIÇÃO NÚMERO 4 JANEIRO DE 2006 FONTES PARA O ESTUDO DO TURISMO GUARALDO, Tamara de S. Brandão ACEG Faculdade de Ciências Humanas docente

Leia mais

O MELHOR DA CRIATIVIDADE TÊXTIL-MODA. Outono Inverno 12-13 Maio 2015. Expo Center Norte / Pav. Amarelo The Fashion Textile Show for Latin America

O MELHOR DA CRIATIVIDADE TÊXTIL-MODA. Outono Inverno 12-13 Maio 2015. Expo Center Norte / Pav. Amarelo The Fashion Textile Show for Latin America O MELHOR DA CRIATIVIDADE TÊXTIL-MODA Outono Inverno 12-13 Maio 2015 Expo Center Norte / Pav. Amarelo The Fashion Textile Show for Latin America Première Vision INSPIRAÇÃO para a MODA Com edições em Paris,

Leia mais

O desafio do marketing para micro pequenas empresas de base tecnológica: Estudo de caso no CENTEV/UFV

O desafio do marketing para micro pequenas empresas de base tecnológica: Estudo de caso no CENTEV/UFV O desafio do marketing para micro pequenas empresas de base tecnológica: Estudo de caso no CENTEV/UFV Autores: Ronise Suzuki- Mestre em Administração - UFV Andréa Furtado de Almeida- Especialista em Gestão

Leia mais

Se você procura uma franquia, pense numa marca MAIS Q BÁSICA: LUCRATIVA

Se você procura uma franquia, pense numa marca MAIS Q BÁSICA: LUCRATIVA Se você procura uma franquia, pense numa marca MAIS Q BÁSICA: LUCRATIVA A MARCA A MAIS Q BÁSICA nasceu no verão de 2007, uma inspiração da designer Maria Alejandra Rizzo. Com um estilo muito próprio, suas

Leia mais

MAUS TRATOS NA TERCEIRA IDADE: UMA REVISÃO SISTEMÁTICA.

MAUS TRATOS NA TERCEIRA IDADE: UMA REVISÃO SISTEMÁTICA. MAUS TRATOS NA TERCEIRA IDADE: UMA REVISÃO SISTEMÁTICA. 1. Larice Costa Lourenço. Faculdade Santa Maria/FSM. E-mail: laricecostal@gmail.com. 2.Francisca Emikaelle Leite Lopes. Faculdade Santa Maria/FSM.

Leia mais

Empresa Júnior como espaço de aprendizagem: uma análise da integração teoria/prática. Comunicação Oral Relato de Experiência

Empresa Júnior como espaço de aprendizagem: uma análise da integração teoria/prática. Comunicação Oral Relato de Experiência Empresa Júnior como espaço de aprendizagem: uma análise da integração teoria/prática Elisabete Ap. Zambelo e-mail: elisabete.zambelo@usc.br Daniel Freire e Almeida e-mail: daniel.almeida@usc.br Verônica

Leia mais

CURSO DE DESIGN DE MODA

CURSO DE DESIGN DE MODA 1 CURSO DE MATRIZ CURRICULAR 2016.1 EMENTÁRIO DAS DISCIPLINAS BRUSQUE (SC) Consuni nº. 49/15, 2015 de 7 de outubro de 2015. SUMÁRIO 2 1ª FASE... 4 01 DESENHO DE MODA I... 4 02 HISTÓRIA: ARTE E INDUMENTÁRIA...

Leia mais

PLANO DE DISCIPLINA. 1) Conceituar cultura e cultura organizacional, destacando o papel da gestão intercultural em organizações.

PLANO DE DISCIPLINA. 1) Conceituar cultura e cultura organizacional, destacando o papel da gestão intercultural em organizações. MEC / UNIVERSIDADE FEDERAL FLUMINENSE CENTRO DE ESTUDOS SOCIAIS APLICADOS FACULDADE DE ADMINISTRAÇÃO E CIÊNCIAS CONTÁBEIS DEPARTAMENTO DE ADMINISTRAÇÃO 1 PLANO DE DISCIPLINA DISCIPLINA: CÓDIGO: Comportamento

Leia mais

O estado da arte sobre Psicologia Educacional/Escolar nas publicações do SciELO

O estado da arte sobre Psicologia Educacional/Escolar nas publicações do SciELO O estado da arte sobre Psicologia Educacional/Escolar nas publicações do SciELO Eixo temático 2: Formação de professores e cultura digital Érico Lopes Pinheiro de Paula 1 Helena de Ornellas Sivieri-Pereira

Leia mais

ANIMAL PRINT E MODELOS EXPLICATIVOS DE CONSUMO SIMBÓLICO

ANIMAL PRINT E MODELOS EXPLICATIVOS DE CONSUMO SIMBÓLICO ANIMAL PRINT E MODELOS EXPLICATIVOS DE CONSUMO SIMBÓLICO Animal print and symbolic consumption explaining models Garcia, Maria Carolina; Doutora; Centro Universitário Belas Artes, maria.garcia@belasartes.br

Leia mais

PLANEJAMENTO E AVALIAÇAO DE SAÚDE PARA IDOSOS: O AVANÇO DAS POLITICAS PÚBLICAS

PLANEJAMENTO E AVALIAÇAO DE SAÚDE PARA IDOSOS: O AVANÇO DAS POLITICAS PÚBLICAS PLANEJAMENTO E AVALIAÇAO DE SAÚDE PARA IDOSOS: O AVANÇO DAS POLITICAS PÚBLICAS Renata Lívia Silva F. M. de Medeiros (UFPB) Zirleide Carlos Felix (UFPB) Mariana de Medeiros Nóbrega (UFPB) E-mail: renaliviamoreira@hotmail.com

Leia mais

Orientadora, Docente do Curso de Nutrição do Centro Universitário Franciscano (UNIFRA), Santa Maria, RS.

Orientadora, Docente do Curso de Nutrição do Centro Universitário Franciscano (UNIFRA), Santa Maria, RS. ATUAÇÃO INTERDISCIPLINAR PARA PACIENTES COM DIABETES NA ATENÇÃO BASICA UMA REVISÃO BIBLIOGRÁFICA 1 BOEIRA, Giana 2 ; CADÓ, Thaís 3 ; FRIGO, Letícia 4 ; MANFIO, Francieli 5 ; MATTOS, Karen 6 ; PIAIA, Eveline

Leia mais

UTILIZAÇÃO DO SOFTWARE GEOGEBRA NA CONSTRUÇÃO DO VESTUÁRIO

UTILIZAÇÃO DO SOFTWARE GEOGEBRA NA CONSTRUÇÃO DO VESTUÁRIO UTILIZAÇÃO DO SOFTWARE GEOGEBRA NA CONSTRUÇÃO DO VESTUÁRIO Erodíades Daboit Possamai¹ Resumo: Este trabalho visa mostrar as tecnologias na indústria do vestuário e a função dos profissionais responsáveis

Leia mais

Pesquisa Profissionais de Ecommerce

Pesquisa Profissionais de Ecommerce Pesquisa Profissionais de Ecommerce Agosto de 2011 http://www.ecommerceschool.com.br Introdução O crescimento do comércio eletrônico brasileiro é feito com tecnologia e pessoas. Por trás desse crescimento

Leia mais

Como fazer uma Revisão Bibliográfica

Como fazer uma Revisão Bibliográfica Como fazer uma Revisão Bibliográfica Objetivos da Revisão Bibliográfica Aprendizado sobre uma determinada área Levantamento dos trabalhos realizados anteriormente sobre o mesmo tema Identificação e seleção

Leia mais

ENSINO SUPERIOR: MAPEAMENTO DO NÚMERO DE ALUNOS MATRICULADOS NA PÓS-GRADUAÇÃO STRICTO SENSU NO BRASIL

ENSINO SUPERIOR: MAPEAMENTO DO NÚMERO DE ALUNOS MATRICULADOS NA PÓS-GRADUAÇÃO STRICTO SENSU NO BRASIL ENSINO SUPERIOR: MAPEAMENTO DO NÚMERO DE ALUNOS MATRICULADOS NA PÓS-GRADUAÇÃO STRICTO SENSU NO BRASIL Simone Maria da Silva Rodrigues 1 Marta Jeidjane Borges Ribeiro 2 Mário Jorge Campos dos Santos 13

Leia mais

FIB - FACULDADES INTEGRADAS DE BAURU CURSO DE PÓS - GRADUAÇÃO LATO SENSU

FIB - FACULDADES INTEGRADAS DE BAURU CURSO DE PÓS - GRADUAÇÃO LATO SENSU FIB - FACULDADES INTEGRADAS DE BAURU CURSO DE PÓS - GRADUAÇÃO LATO SENSU GESTÃO INTEGRADA: PESSOAS E SISTEMAS DE INFORMAÇÃO TURMA V E EIXOS TEMÁTICOS PARA A MONOGRAFIA FINAL Professor Ms. Carlos Henrique

Leia mais

Estratégia de Especialização Inteligente para a Região de Lisboa

Estratégia de Especialização Inteligente para a Região de Lisboa Diagnóstico do Sistema de Investigação e Inovação: Desafios, forças e fraquezas rumo a 2020 FCT - A articulação das estratégias regionais e nacional - Estratégia de Especialização Inteligente para a Região

Leia mais

Aplicações de Otimização em Processos Industriais

Aplicações de Otimização em Processos Industriais Aplicações de Otimização em Processos Industriais Maria Cristina N. Gramani gramani@mackenzie.com.br Departamento de Engenharia de Produção Escola de Engenharia Universidade Presbiteriana Mackenzie Organização

Leia mais

Experiências de APLs e outros Arranjos de Empresas no Estado do Rio de Janeiro: resultados alcançados e cenários futuros

Experiências de APLs e outros Arranjos de Empresas no Estado do Rio de Janeiro: resultados alcançados e cenários futuros Experiências de APLs e outros Arranjos de Empresas no Estado do Rio de Janeiro: resultados alcançados e cenários futuros > Lia Hasenclever (IE/UFRJ) 10º Encontro da ReINC 08 e 09 de novembro de 2007 Grupo

Leia mais

18º Congresso de Iniciação Científica CARACTERÍSTICAS DA ANÁLISE DESCRITIVA EM ESTUDOS SOBRE EMPREENDEDORISMO

18º Congresso de Iniciação Científica CARACTERÍSTICAS DA ANÁLISE DESCRITIVA EM ESTUDOS SOBRE EMPREENDEDORISMO 18º Congresso de Iniciação Científica CARACTERÍSTICAS DA ANÁLISE DESCRITIVA EM ESTUDOS SOBRE EMPREENDEDORISMO Autor(es) MARÍLIA DE OLIVEIRA FOGAÇA Orientador(es) MARIA IMACULADA DE LIMA MONTEBELO Apoio

Leia mais

O SISTEMA DE QUALIDADE NA INDUSTRIA DE CONFECÇÃO

O SISTEMA DE QUALIDADE NA INDUSTRIA DE CONFECÇÃO 25 a 28 de Outubro de 2011 ISBN 978-85-8084-055-1 O SISTEMA DE QUALIDADE NA INDUSTRIA DE CONFECÇÃO Sandra Biégas 1, Patrícia Machado Mellero Cardoso 2 RESUMO: Com base em uma realidade onde indústrias

Leia mais

Elton Orris Gestão Empresarial ênfase em Marketing FATEC Pós Graduação Gestão de Custos Faculdade Internacional de Curitiba

Elton Orris Gestão Empresarial ênfase em Marketing FATEC Pós Graduação Gestão de Custos Faculdade Internacional de Curitiba Elton Orris Gestão Empresarial ênfase em Marketing FATEC Pós Graduação Gestão de Custos Faculdade Internacional de Curitiba Gestor Empresarial Setor de Serviços Gestor de Projetos Setor de Serviços Curso

Leia mais

PPGCEE 2012. Curso de imersão UGF Outubro, 2012. Coordenação PPGCEE: Proposta I 2 I. Programa I 03 I. Informações I 05 I

PPGCEE 2012. Curso de imersão UGF Outubro, 2012. Coordenação PPGCEE: Proposta I 2 I. Programa I 03 I. Informações I 05 I PPGCEE 2012 Proposta I 2 I Programa I 03 I Curso de imersão UGF Outubro, 2012 Informações I 05 I Coordenação PPGCEE: Lamartine DaCosta lamartine@terra.com.br Valéria Bitencourt valeria@copedu.net.br Realização

Leia mais

Processo de Internacionalização na Indústria Calçadista Brasileira: Estudo de Caso da Calçados Azaléia S.A.

Processo de Internacionalização na Indústria Calçadista Brasileira: Estudo de Caso da Calçados Azaléia S.A. Ana Cecilia Martyn Milagres Processo de Internacionalização na Indústria Calçadista Brasileira: Estudo de Caso da Calçados Azaléia S.A. Dissertação de Mestrado Dissertação apresentada ao Programa de Pósgraduação

Leia mais

ANÁLISE DO COMPORTAMENTO DE MODA DA TRIBO DOS COSPLAYERS. Autor(a): Raissa Silva de Araujo Lima Email: rasinha_lima@hotmail.com

ANÁLISE DO COMPORTAMENTO DE MODA DA TRIBO DOS COSPLAYERS. Autor(a): Raissa Silva de Araujo Lima Email: rasinha_lima@hotmail.com ANÁLISE DO COMPORTAMENTO DE MODA DA TRIBO DOS COSPLAYERS Autor(a): Raissa Silva de Araujo Lima Email: rasinha_lima@hotmail.com Introdução As tribos urbanas são constituídas por agrupamentos compostos por

Leia mais

PALESTRA IBGM Rodada Temática de Design Apex Brasil São Paulo, 17 maio 2010

PALESTRA IBGM Rodada Temática de Design Apex Brasil São Paulo, 17 maio 2010 PALESTRA IBGM Rodada Temática de Design Apex Brasil São Paulo, 17 maio 2010 DESIGN COMO DIFERENCIAL NA EXPORTAÇÃO : O CASO DO IBGM PRINCIPAIS INSTRUMENTOS : Caderno de Tendências / Preview / Fontes de

Leia mais

A INSERÇÃO DO MERCADO CHINÊS NAS CONFECÇÕES DO VESTUÁRIO CATARINENSES THE INTEGRATION OF CHINESE MARKET IN THE MANUFACTURE OF CLOTHING

A INSERÇÃO DO MERCADO CHINÊS NAS CONFECÇÕES DO VESTUÁRIO CATARINENSES THE INTEGRATION OF CHINESE MARKET IN THE MANUFACTURE OF CLOTHING A INSERÇÃO DO MERCADO CHINÊS NAS CONFECÇÕES DO VESTUÁRIO CATARINENSES Resumo THE INTEGRATION OF CHINESE MARKET IN THE MANUFACTURE OF CLOTHING DUARTE, Pauliane. (Especialização em Gestão da Produção do

Leia mais

PESQUISA de HONORÁRIOS e TENDÊNCIAS da CONSULTORIA no BRASIL 11ª edição- 2011 / 2012

PESQUISA de HONORÁRIOS e TENDÊNCIAS da CONSULTORIA no BRASIL 11ª edição- 2011 / 2012 Member of ICMCI International Council of Management Consulting Institutes PESQUISA de HONORÁRIOS e TENDÊNCIAS da CONSULTORIA no BRASIL 11ª edição 2011 / 2012 Av. Paulista, 326 Conj. 77 Bela Vista CEP 01310902

Leia mais

O fim de semana do design, arquitetura e decoração São Paulo - 23 a 26 de Agosto de 2012

O fim de semana do design, arquitetura e decoração São Paulo - 23 a 26 de Agosto de 2012 O fim de semana do design, arquitetura e decoração São Paulo - 23 a 26 de Agosto de 2012 Conjunto de eventos integrados de Design, Arquitetura e Decoração Realizados na Cidade de São Paulo Inspirados nas

Leia mais

EMENTAS DAS DISCIPLINAS DO PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM ADMINISTRAÇÃO MESTRADO e DOUTORADO

EMENTAS DAS DISCIPLINAS DO PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM ADMINISTRAÇÃO MESTRADO e DOUTORADO 1 EMENTAS DAS DISCIPLINAS DO PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM ADMINISTRAÇÃO MESTRADO e DOUTORADO MESTRADO: A) DISCIPLINAS OBRIGATÓRIAS DAS LINHAS 1 e 2: Organizações e Estratégia e Empreendedorismo e Mercado

Leia mais

ID Fashion. o evento

ID Fashion. o evento 2015 ID Fashion o evento O Conceito Evento de impacto, interativo, cool, compacto, com conteúdo inovador, atitude internacional e alta visibilidade em diversas mídias. Amostra significativa da inovação

Leia mais

AÇÃO INTERDISCIPLINAR PARA A EMANCIPAÇÃO SOCIAL DE COMUNIDADES VULNERÁVEIS: UM RELATO DE EXPERIÊNCIA (2012) 1

AÇÃO INTERDISCIPLINAR PARA A EMANCIPAÇÃO SOCIAL DE COMUNIDADES VULNERÁVEIS: UM RELATO DE EXPERIÊNCIA (2012) 1 AÇÃO INTERDISCIPLINAR PARA A EMANCIPAÇÃO SOCIAL DE COMUNIDADES VULNERÁVEIS: UM RELATO DE EXPERIÊNCIA (2012) 1 DALCIN, Camila Biazus 2 ; GUERRA, Leonardo Rigo 3 ; VOGEL, Gustavo Micheli 4 ; BACKES, Dirce

Leia mais

Centro Tecnológico do Couro, Calçados e Afins

Centro Tecnológico do Couro, Calçados e Afins Centro Tecnológico do Couro, Calçados e Afins O CTCCA - Centro Tecnológico do Couro, Calçados e Afins é uma entidade de direito privado, sem fins lucrativos, localizada na cidade de Novo Hamburgo/RS, que

Leia mais

Agência de Inteligência em Pesquisa e Comunicação

Agência de Inteligência em Pesquisa e Comunicação Agência de Inteligência em Pesquisa e Comunicação 1 Quem somos Empresa de inteligência em pesquisa e comunicação, atuando nas diferentes áreas - consultoria, opinião e mercado. Soluções personalizadas.

Leia mais

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO SECRETARIA DE EDUCAÇÃO PROFISSIONAL E TECNOLÓGICA INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA GOIANO

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO SECRETARIA DE EDUCAÇÃO PROFISSIONAL E TECNOLÓGICA INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA GOIANO MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO SECRETARIA DE EDUCAÇÃO PROFISSIONAL E TECNOLÓGICA INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA GOIANO PROJETO DE PESQUISA-ETENSÃO MICRO E PEQUENAS EMPRESAS DO MUNICÍPIO DE

Leia mais

VIII Jornada de Estágio de Serviço Social. A PRÁTICA DO SERVIÇO SOCIAL NA ASSOCIAÇÃO MINISTÉRIO MELHOR VIVER- AMMV

VIII Jornada de Estágio de Serviço Social. A PRÁTICA DO SERVIÇO SOCIAL NA ASSOCIAÇÃO MINISTÉRIO MELHOR VIVER- AMMV A PRÁTICA DO SERVIÇO SOCIAL NA ASSOCIAÇÃO MINISTÉRIO MELHOR VIVER- AMMV SILVA, D. Pollyane¹ MORO, M. Silvana ² SOUSA, G. Cristiane³ Resumo Este trabalho tem o intuito de descrever a Prática Profissional

Leia mais

HUMANIZAÇÃO DO REAL PARA O IDEAL NA UNIDADE DE TERAPIA INTENSIVA: UMA REVISÃO DE LITERATURA

HUMANIZAÇÃO DO REAL PARA O IDEAL NA UNIDADE DE TERAPIA INTENSIVA: UMA REVISÃO DE LITERATURA HUMANIZAÇÃO DO REAL PARA O IDEAL NA UNIDADE DE TERAPIA INTENSIVA: UMA REVISÃO DE LITERATURA Francisco Junio do Nascimento 1, Sheron Maria Silva Santos 1, Jose Thiago Gois de Alencar 1, Ivanildo do Carmo

Leia mais

Fase I - Contexto e Pesquisa - Alinhamento dos conceitos de Branding, análise do contexto atual e introdução ao Design Thinking.

Fase I - Contexto e Pesquisa - Alinhamento dos conceitos de Branding, análise do contexto atual e introdução ao Design Thinking. Os programas de Pós-Graduação oferecidos pela Faculdade de Tecnologia do Istituto Europeo di Design estão em conformidade legal e atendem as Resoluções CNE/CES nº 1, de 3 de abril de 2001 e nº 1, de 8

Leia mais

Fase I - Contexto e Pesquisa - Alinhamento dos conceitos de Branding, análise do contexto atual e introdução ao Design Thinking.

Fase I - Contexto e Pesquisa - Alinhamento dos conceitos de Branding, análise do contexto atual e introdução ao Design Thinking. Os programas de Pós-Graduação oferecidos pela Faculdade de Tecnologia do Istituto Europeo di Design estão em conformidade legal e atendem as Resoluções CNE/CES nº 1, de 3 de abril de 2001 e nº 1, de 8

Leia mais

CORRELAÇÃO DA INSUFICIÊNCIA RENAL E ANEMIA EM PACIENTES NORMOGLICEMICOS E HIPERGLICEMICOS EM UM LABORATÓRIO DA CIDADE DE JUAZEIRO DO NORTE, CE

CORRELAÇÃO DA INSUFICIÊNCIA RENAL E ANEMIA EM PACIENTES NORMOGLICEMICOS E HIPERGLICEMICOS EM UM LABORATÓRIO DA CIDADE DE JUAZEIRO DO NORTE, CE CORRELAÇÃO DA INSUFICIÊNCIA RENAL E ANEMIA EM PACIENTES NORMOGLICEMICOS E HIPERGLICEMICOS EM UM LABORATÓRIO DA CIDADE DE JUAZEIRO DO NORTE, CE Janaína Esmeraldo Rocha, Faculdade Leão Sampaio, janainaesmeraldo@gmail.com

Leia mais

ESCOLA DE DEFESA. Linha de Gestão de Defesa. Ariela Leske arieladiniz2@hotmail.com 08 Jul 2015

ESCOLA DE DEFESA. Linha de Gestão de Defesa. Ariela Leske arieladiniz2@hotmail.com 08 Jul 2015 ESCOLA DE DEFESA Linha de Gestão de Defesa Ariela Leske arieladiniz2@hotmail.com 08 Jul 2015 Apresentação pessoal Ariela Diniz Cordeiro Leske Doutora em Economia Profa da linha Pesquisa de Gestão de Defesa

Leia mais

Anteprojeto de Lei Geral das Micro e Pequenas Empresas

Anteprojeto de Lei Geral das Micro e Pequenas Empresas Avanços e Pontos para Reflexão Renato da Fonseca Secretário-Executivo do Conselho da Micro e Pequena Empresa da Confederação Nacional da Indústria Pontos para reflexão Por que devemos criar um regime especial

Leia mais

COMPORTAMENTO EMPREENDEDOR: um estudo sobre a mulher empreendedora na. Rogério da Rosa Lehr Janaina Mendes janainamendes@unipampa.edu.

COMPORTAMENTO EMPREENDEDOR: um estudo sobre a mulher empreendedora na. Rogério da Rosa Lehr Janaina Mendes janainamendes@unipampa.edu. COMPORTAMENTO EMPREENDEDOR: um estudo sobre a mulher empreendedora na região da fronteira do Estado do Rio Grande do Sul Rogério da Rosa Lehr Janaina Mendes janainamendes@unipampa.edu.br Problemática 13%

Leia mais

Subáreas. Marketing estratégico: Marketing de varejo

Subáreas. Marketing estratégico: Marketing de varejo Marketing estratégico: Marketing de varejo Marketing de serviços: Marketing de agronegócios Área: Marketing e Vendas Competências diagnóstico mercadológico; metodologia de análise e segmentação de mercado

Leia mais

Palavras-chaves: Museus e Centros de Ciência; Avaliação; Sistema Digital

Palavras-chaves: Museus e Centros de Ciência; Avaliação; Sistema Digital Um Sistema Digital para Avaliação e Registro de Visitas a Museus e Centros de Ciência Denise C. Studart, Sonia Mano e Marcelle Pereira Museu da Vida / Casa de Oswaldo Cruz, Fiocruz www.museudavida.fiocruz.br

Leia mais