ESCOLA SECUNDÁRIA FERREIRA DIAS AGUALVA - SINTRA. QUÍMICA (12º ANO) MÓDULOS 1, 2 e 3 MATRIZ DA PROVA

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "ESCOLA SECUNDÁRIA FERREIRA DIAS AGUALVA - SINTRA. QUÍMICA (12º ANO) MÓDULOS 1, 2 e 3 MATRIZ DA PROVA"

Transcrição

1 Cursos Científico - Humanísticos de Ciências e Tecnologias ESCOLA SECUNDÁRIA FERREIRA DIAS AGUALVA - SINTRA Ensino Recorrente de Nível Secundário QUÍMICA (12º ANO) MÓDULOS 1, 2 e 3 TIPO DE PROVA: ESCRITA DURAÇÃO: 135 minutos Avaliação do regime não presencial e avaliação de recurso MATRIZ DA PROVA 1. Introdução O presente documento visa divulgar as características da prova de avaliação de regime não presencial e de recurso a nível de escola, da disciplina e módulos acima identificados, a realizar ao abrigo da Portaria nº 242/2012 de 10 de agosto. O presente documento dá a conhecer os seguintes aspetos relativos à prova: Objeto de avaliação; Características e estrutura; Critérios gerais de classificação (Anexo em separado); Material; Duração; Tabela de constantes (Anexo); Formulário (Anexo); Tabela periódica (Anexo). Nas provas desta disciplina, o grau de exigência decorrente do enunciado dos itens e o grau de aprofundamento evidenciado nos critérios de classificação estão balizados pelo programa, em adequação ao nível de ensino a que o exame diz respeito. 2. Objeto de avaliação A prova de exame tem por referência o programa da disciplina, referente aos módulos em avaliação, e permite avaliar a aprendizagem passível de avaliação numa prova escrita de duração limitada, nomeadamente: Conhecimento/compreensão de conceitos; Compreensão das relações existentes entre aqueles conceitos e que permitiram estabelecer princípios, leis e teorias; Aplicação dos conceitos e das relações entre eles a situações e a contextos diversificados; Seleção, análise, interpretação e avaliação críticas de informação apresentada sob a forma de textos, de gráficos, de tabelas, entre outros suportes, sobre situações concretas de natureza diversa, por exemplo, relativas a atividades experimentais; Produção e comunicação de raciocínios demonstrativos em situações e em contextos diversificados; Comunicação de ideias por escrito. E.S.F.D. Ensino recorrente Química Matriz do exame dos módulos 1, 2 e 3 Pág. 1/6

2 A valorização relativa dos conteúdos apresenta-se no Quadro 1. Quadro 1 Valorização relativa dos conteúdos Conteúdos Cotação (em pontos) Unidade 1 Metais e ligas metálicas 60 a 100 Unidade 2 Combustíveis, energia e ambiente 60 a 100 Unidade 3 - Plásticos, vidros e novos materiais 30 a 50 A prova é cotada para 200 pontos. 3. Caracterização da prova Os itens/grupos de itens podem ter como suporte um ou mais documentos, como, por exemplo, textos, tabelas, gráficos, fotografias e esquemas. A prova reflete uma visão integradora e articulada dos diferentes conteúdos programáticos da disciplina. Os itens/grupos de itens podem envolver a mobilização de conteúdos relativos a mais do que uma das unidades do programa. A sequência dos itens pode não corresponder à sequência das unidades do programa. A prova pode incluir um ou mais itens incidindo nas aprendizagens feitas no âmbito de uma das atividades laboratoriais previstas no programa da disciplina. A prova pode incluir um ou mais itens cuja resolução requer a utilização das potencialidades gráficas da calculadora. A tipologia de itens, o número de itens e a cotação por item apresentam-se no Quadro 2. Quadro 2 Tipologia, número de itens e cotação Tipologia de itens Número de itens Cotação por item (em pontos) Itens de seleção 14 a 18 5 Itens de construção 1 a a Nos itens de seleção, apenas de escolha múltipla, o aluno deve selecionar a opção correta, de entre as quatro opções que lhe são apresentadas. Nos itens de construção, as respostas podem resumir-se, por exemplo, a uma palavra, a uma expressão, a uma frase, a um número, a uma equação ou a uma fórmula (itens de resposta curta); ou podem envolver a apresentação, por exemplo, de uma explicação, de uma previsão, de uma justificação e/ou de uma conclusão (itens de resposta restrita); ou podem implicar a apresentação de cálculos e de justificações e/ou de conclusões (itens de cálculo); ou podem requerer a utilização das potencialidades gráficas da calculadora, solicitando, por exemplo, a reprodução de gráficos visualizados na mesma. A prova inclui a tabela de constantes, o formulário e a tabela periódica, anexos a este documento. 4. Critérios gerais de classificação Os critérios gerais de classificação são comuns a todos os módulos e encontram-se num anexo a esta matriz. E.S.F.D. Ensino recorrente Química Matriz do exame dos módulos 1, 2 e 3 Pág. 2/6

3 5. Material O examinando apenas pode usar, como material de escrita, caneta ou esferográfica de tinta indelével, azul ou preta. As respostas são registadas em folha própria, fornecida pelo estabelecimento de ensino (modelo oficial). O examinando deve ser portador de material de desenho e de medida (lápis, borracha, régua graduada, esquadro e transferidor), assim como de uma calculadora gráfica. A lista das calculadoras permitidas é a dos exames nacionais, fornecida pela Direção-Geral de Educação. Não é permitido o uso de corretor. 6. Duração A prova tem a duração de 135 minutos. Aprovado em Conselho Pedagógico, em 3 /dezembro / 2013 E.S.F.D. Ensino recorrente Química Matriz do exame dos módulos 1, 2 e 3 Pág. 3/6

4 ANEXO Tabela de constantes, formulário e Tabela Periódica TABELA DE CONSTANTES Velocidade de propagação da luz no vácuo c = 3,00 x 10 8 m s -1 Constante de Avogadro N A = 6,02 x mol -1 Produto iónico da água (a 25 ºC) K W = 1,00 x Volume molar de um gás (PTN) -1 V m = 22,4 dm 3 mol Constante dos gases R = 0,082 atm. dm 3 mol -1 K -1 R = 8,31 J mol -1 K -1 FORMULÁRIO Conversão da temperatura (de grau Celsius para Kelvin)... temperatura absoluta (temperatura em kelvin) temperatura em grau Celsius Densidade (massa volúmica)... massa volume Concentração de solução... quantidade de soluto volume de solução Concentração mássica de solução... massa de soluto volume de solução Relação entre ph e concentração de H 3 O Energia ganha ou perdida por um corpo devido à variação da sua temperatura... massa do corpo capacidade térmica mássica do material de que é constituído o corpo variação da temperatura do corpo Comprimento de onda... módulo da velocidade de propagação da onda frequência do movimento ondulatório Número de partículas (N)..... quantidade de substância N A constante de Avogadro E.S.F.D. Ensino recorrente Química Matriz do exame dos módulos 1, 2 e 3 Pág. 4/6

5 Equivalência massa-energia... m massa c velocidade de propagação da luz no vácuo Equação de estado dos gases ideais... P pressão V volume quantidade de substância (gás) R constante dos gases T temperatura absoluta Absorvência de solução... ε coeficiente de absorção molar l percurso ótico da radiação na amostra de solução c concentração de solução A = ε l c Grau de ionização/dissociação.. α = n quantidade de substância ionizada/dissociada n 0 quantidade de substância dissolvida Quantidade de matéria... massa massa molar E.S.F.D. Ensino recorrente Química Matriz do exame dos módulos 1, 2 e 3 Pág. 5/6

6 E.S.F.D. Ensino recorrente Química Matriz do exame dos módulos 1, 2 e 3 Pág. 6/ He 4,00 10 Ne 20,18 18 Ar 39,95 36 Kr 83,80 54 Xe 131,29 86 Rn [222,02] 17 9 F 19,00 17 Cl 35,45 35 Br 79,90 53 I 126,90 85 At [209,99] 71 Lu 174, Lr [262] 16 8 O 16,00 16 S 32,07 34 Se 78,96 52 Te 127,60 84 Po [208,98] 70 Yb 173, No [259] 15 7 N 14,01 15 P 30,97 33 As 74,92 51 Sb 121,76 83 Bi 208,98 69 Tm 168, Md [258] 14 6 C 12,01 14 Si 28,09 32 Ge 72,64 50 Sn 118,71 82 Pb 207,21 68 Er 167, Fm [257] TABELA PERIÓDICA DOS ELEMENTOS 13 5 B 10,81 13 Al 26,98 31 Ga 69,72 49 In 114,82 81 Tl 204,38 67 Ho 164,93 99 Es [] Zn 65,41 48 Cd 112,41 80 Hg 200,59 66 Dy 162,50 98 Cf [251] Cu 63,55 47 Ag 107,87 79 Au 196, Rg [272] 65 Tb 158,92 97 Bk [247] Ni 58,69 46 Pd 106,42 78 Pt 195, Ds [271] 64 Gd 157,25 96 Cm [247] 9 27 Co 58,93 45 Rh 102,91 77 Ir 192, Mt [268] 63 Eu 151,96 95 Am [243] 8 26 Fe 55,85 44 Ru 101,07 76 Os 190, Hs [277] 62 Sm 150,36 94 Pu [244] 7 25 Mn 54,94 43 Tc 97,91 75 Re 186, Bh [264] 61 Pm [145] 93 Np [237] 6 24 Cr 52,00 42 Mo 95,94 74 W 183, Sg [266] 60 Nd 144,24 92 U 238,03 Número atómico Elemento Massa atómica relativa 5 23 V 50,94 41 Nb 92,91 73 Ta 180, Db [262] 59 Pr 140,91 91 Pa 231, Ti 47,87 40 Zr 91,22 72 Hf 178, Rf [261] 58 Ce 140,12 90 Th 232, Sc 44,96 39 Y 88, Lantanídeos Actinídeos 57 La 138,91 89 Ac [227] 2 4 Be 9,01 12 Mg 24,31 20 Ca 40,08 38 Sr 87,62 56 Ba 137,33 88 Ra [226] 1 1 H 1,01 3 Li 6,94 11 Na 22,99 19 K 39,10 37 Rb 85,47 55 Cs 132,91 87 Fr [223]

ESCOLA SECUNDÁRIA FERREIRA DIAS AGUALVA - SINTRA FÍSICA E QUÍMICA A (10º ANO) MÓDULO 1 MATRIZ DA PROVA

ESCOLA SECUNDÁRIA FERREIRA DIAS AGUALVA - SINTRA FÍSICA E QUÍMICA A (10º ANO) MÓDULO 1 MATRIZ DA PROVA Cursos Científico - Humanísticos de Ciências e Tecnologias ESCOLA SECUNDÁRIA FERREIRA DIAS AGUALVA - SINTRA Ensino Recorrente de Nível Secundário FÍSICA E QUÍMICA A (10º ANO) MÓDULO 1 TIPO DE PROVA: ESCRITA

Leia mais

ESCOLA SECUNDÁRIA FERREIRA DIAS AGUALVA - SINTRA. Física e Química A (11º ANO) MÓDULO 4 MATRIZ DA PROVA

ESCOLA SECUNDÁRIA FERREIRA DIAS AGUALVA - SINTRA. Física e Química A (11º ANO) MÓDULO 4 MATRIZ DA PROVA Cursos Científico - Humanísticos de Ciências e Tecnologias ESCOLA SECUNDÁRIA FERREIRA DIAS AGUALVA - SINTRA Ensino Recorrente de Nível Secundário Física e Química A (11º ANO) MÓDULO 4 TIPO DE PROVA: ESCRITA

Leia mais

MÓDULO 4,5,6 MATRIZ DA PROVA

MÓDULO 4,5,6 MATRIZ DA PROVA ESCOLA SECUNDÁRIA FERREIRA DIAS AGUALVA - SINTRA FÍSICA E QUÍMICA A (11º ANO) Programa iniciado 2016/2017 TIPO DE PROVA: ESCRITA DURAÇÃO: 135 minutos Cursos Científico - Humanísticos de Ciências e Tecnologias

Leia mais

Deve ainda ser tido em consideração o Despacho Normativo n.º 24-A/2012, de 6 de dezembro, bem como o Despacho n.º 15971/2012, de 14 de dezembro..

Deve ainda ser tido em consideração o Despacho Normativo n.º 24-A/2012, de 6 de dezembro, bem como o Despacho n.º 15971/2012, de 14 de dezembro.. PROVA DE EQUIVALÊNCIA À FREQUÊNCIA Decreto-Lei n.º 139/2012, de 5 de julho Prova Escrita de Físico-Química 9º Ano de Escolaridade Prova 11 / 1ª Fase Duração da Prova: 90 minutos. Informações da prova INTRODUÇÃO

Leia mais

TABELA PERIÓDICA DOS ELEMENTOS

TABELA PERIÓDICA DOS ELEMENTOS gabinete de avaliação educacional PROVA DE EXAME FINAL DE ÂMBITO NACIONAL DE FÍSICA E QUÍMICA A 006 11.º Ano de Escolaridade 007 11.º ou 1.º Ano de Escolaridade (Decreto-Lei n.º 74/004, de 6 de Março)

Leia mais

AGRUPAMENTO DE ESCOLAS DE BENAVENTE

AGRUPAMENTO DE ESCOLAS DE BENAVENTE AGRUPAMENTO DE ESCOLAS DE BENAVENTE Informação Prova de Equivalência à Frequência Ensino Secundário 2015/2016 Decreto-Lei n.º 139/2012, de 5 julho Decreto -Lei nº 17/2016, de 4 de abril Aprovado em Conselho

Leia mais

Classificação Periódica dos Elementos

Classificação Periódica dos Elementos Classificação Periódica dos Elementos 1 2 3 1 Massa atômica relativa. A incerteza no último dígito é 1, exceto quando indicado entre parênteses. Os valores com * referemse Número Atômico 18 ao isótopo

Leia mais

Versão 2. Utilize apenas caneta ou esferográfica de tinta indelével, azul ou preta.

Versão 2. Utilize apenas caneta ou esferográfica de tinta indelével, azul ou preta. Teste Intermédio de Física e Química A Versão Teste Intermédio Física e Química A Versão Duração do Teste: 90 minutos 30.05.01 10.º Ano de Escolaridade Decreto-Lei n.º 74/004, de 6 de março Na folha de

Leia mais

Decreto-Lei n.º 74/2004, de 26 de março. Decreto-Lei n.º 74/2004, de 26 de março

Decreto-Lei n.º 74/2004, de 26 de março. Decreto-Lei n.º 74/2004, de 26 de março EXAME NACIONAL DO ENSINO SECUNDÁRIO EXAME NACIONAL DO ENSINO SECUNDÁRIO Decreto-Lei n.º 74/2004, de 26 de março Decreto-Lei n.º 74/2004, de 26 de março Prova Escrita de Física e Química A Prova Escrita

Leia mais

O presente documento dá a conhecer os seguintes aspetos relativos à prova:

O presente documento dá a conhecer os seguintes aspetos relativos à prova: 1. Introdução O presente documento visa divulgar as características da prova de simulação de exame nacional do ensino secundário da disciplina de Matemática A, a realizar no 2º período. O presente documento

Leia mais

Informação n.º 24.13. Data: 2012.12.19. Para: Direção-Geral da Educação. Inspeção-Geral da Educação e Ciência. Direções Regionais de Educação

Informação n.º 24.13. Data: 2012.12.19. Para: Direção-Geral da Educação. Inspeção-Geral da Educação e Ciência. Direções Regionais de Educação Prova Final de Ciclo de Matemática Prova 92 2013 3.º Ciclo do Ensino Básico Para: Direção-Geral da Educação Inspeção-Geral da Educação e Ciência Direções Regionais de Educação Secretaria Regional da Educação

Leia mais

Física e Química A Tabela de Constantes Formulário Tabela Periódica

Física e Química A Tabela de Constantes Formulário Tabela Periódica Física e Quíica A Tabela de Constantes Forulário Tabela Periódica http://fisicanalixa.blogspot.pt/ CONSTANTES Velocidade de propagação da luz no vácuo c = 3,00 10 8 s 1 Módulo da aceleração gravítica de

Leia mais

INFORMAÇÃO PROVA FINAL DE EQUIVALÊNCIA À FREQUÊNCIA CIÊNCIAS NATURAIS Abril de 2015

INFORMAÇÃO PROVA FINAL DE EQUIVALÊNCIA À FREQUÊNCIA CIÊNCIAS NATURAIS Abril de 2015 Agrupamento de Escolas da Gafanha da Encarnação INFORMAÇÃO PROVA FINAL DE EQUIVALÊNCIA À FREQUÊNCIA CIÊNCIAS NATURAIS Abril de 2015 Prova 02 2015 2.º Ciclo do Ensino Básico 1. Introdução O presente documento

Leia mais

MÓDULO 4 MATRIZ DA PROVA

MÓDULO 4 MATRIZ DA PROVA ESCOLA SECUNDÁRIA FERREIRA DIAS AGUALVA - SINTRA FÍSICA E QUÍMICA A (11º ANO) Programa iniciado 2016/2017 TIPO DE PROVA: ESCRITA DURAÇÃO: 90 minutos Cursos Científico - Humanísticos de Ciências e Tecnologias

Leia mais

121,8 127,6 126,9 131,3. Sb Te I Xe. Pb Bi Po At Rn 69,7 72,6 74,9 79,0 79,9 83, Ga Ge As Se Br Kr. In Sn 114,8 118,7.

121,8 127,6 126,9 131,3. Sb Te I Xe. Pb Bi Po At Rn 69,7 72,6 74,9 79,0 79,9 83, Ga Ge As Se Br Kr. In Sn 114,8 118,7. PROVA DE QUÍMICA TABELA PERIÓDICA DOS ELEMENTOS º 2º 3º 4º 5º 6º 7º (IA) H,0 3 Li 6,9 Na 23,0 9 K 39, 2 (IIA) 4 Be 9,0 2 Mg 24,3 3 (III B) 4 5 6 7 8 9 0 2 20 2 22 23 24 25 26 27 28 29 30 Ca Sc Ti V Cr

Leia mais

Informação/Exame de Equivalência à Frequência. Ano letivo de 2012/2013

Informação/Exame de Equivalência à Frequência. Ano letivo de 2012/2013 ESCOLA MARTIM DE FREITAS AGRUPAMENTO DE ESCOLAS DE MARTIM DE FREITA Informação/Exame de Equivalência à Frequência Ano letivo de 2012/2013 Disciplina: Ciências da Natureza 2º Ciclo do Ensino Básico 1.-

Leia mais

Gabarito - Química - Grupo A

Gabarito - Química - Grupo A 1 a QUESTÃO: (1,5 ponto) Avaliador Revisor A estrutura dos compostos orgânicos começou a ser desvendada nos meados do séc. XIX, com os estudos de ouper e Kekulé, referentes ao comportamento químico do

Leia mais

121,8 127,6 126,9 131,3. Sb Te I Xe. In Sn 69,7 72,6 74,9 79,0 79,9 83,8 112,4 107,9 85,5 87,6 88,9 91,2 92,9 95,9 (98) 101,1 102,9 106,4 140,1

121,8 127,6 126,9 131,3. Sb Te I Xe. In Sn 69,7 72,6 74,9 79,0 79,9 83,8 112,4 107,9 85,5 87,6 88,9 91,2 92,9 95,9 (98) 101,1 102,9 106,4 140,1 PROVA DE QUÍMICA º 2º 3º 4º 5º 6º 7º TABELA PERIÓDICA DOS ELEMENTOS (IA) H,0 3 Li 6,9 Na 23,0 9 K 39, 2 (IIA) 4 Be 9,0 2 Mg 24,3 3 (III B) 4 5 6 7 8 9 0 2 20 2 22 23 24 25 26 27 28 29 30 Ca Sc Ti V Cr

Leia mais

No arquivo Exames e Provas podem ser consultados itens e critérios de classificação de provas desta disciplina.

No arquivo Exames e Provas podem ser consultados itens e critérios de classificação de provas desta disciplina. INFORMAÇÃO-PROVA FÍSICA E QUÍMICA A 2016 Prova 715 11.º Ano de Escolaridade (Decreto-Lei n.º 139/2012, de 5 de julho) O presente documento divulga informação relativa à prova de exame final nacional do

Leia mais

QUÍMICA VESTIBULAR 2005 2ª ETAPA

QUÍMICA VESTIBULAR 2005 2ª ETAPA QUÍMICA VESTIBULAR 2005 2ª ETAPA 1 2 3 4 5 6 7 1 1 1, 00 2 3 4 Li Be 6, 94 9, 01 11 12 Na Mg 22, 99 24, 31 19 20 K Ca 39, 10 40, 08 37 38 Rb Sr 85, 47 87, 62 55 56 Cs Ba 132, 91 137, 33 87 88 Fr Ra 223,

Leia mais

Tabela Periódica* 1 H 1,0. Massa atômica. 20,2 18 Ar 39,9 2º VESTIBULAR UFOP Fe. 29 Cu. 28 Ni. 27 Co. 58,9 45 Rh 102,9 77 Ir 192,2 109 Mt

Tabela Periódica* 1 H 1,0. Massa atômica. 20,2 18 Ar 39,9 2º VESTIBULAR UFOP Fe. 29 Cu. 28 Ni. 27 Co. 58,9 45 Rh 102,9 77 Ir 192,2 109 Mt Tabela Periódica* 1 1 18 1 1,0 2 Número atômico 1 1,0 13 14 15 16 17 2 e 4,0 2 3 3 Li 6,9 11 Na 23,0 4 Be 9,0 Massa atômica 12 Mg 24,3 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12 5 B 10,8 13 Al 27,0 6 C 12,0 14 Si 28,1 7 N

Leia mais

Y Zr Nb Mo Tc Ru Rh Pd Ag Cd In Sn Sb Te I Xe

Y Zr Nb Mo Tc Ru Rh Pd Ag Cd In Sn Sb Te I Xe A H,0 Li 7,0 Na 2,0 9 K 9,0 7 Rb 85,5 55 Cs,0 87 Fr (22) 2 2A Be 9,0 2 Mg 2,0 20 Ca 0,0 8 Sr 88,0 56 Ba 7,0 88 Ra (226) Elementos de Transição B B 5B 6B 7B 8B B 2B 5 6 7 A A 5A 6A 7A 78,5 8,0 8,0 86,0

Leia mais

INFORMAÇÃO - PROVA DE EQUIVALÊNCIA À FREQUÊNCIA FRANCÊS (LE II) COMPONENTE ESCRITA

INFORMAÇÃO - PROVA DE EQUIVALÊNCIA À FREQUÊNCIA FRANCÊS (LE II) COMPONENTE ESCRITA INFORMAÇÃO - PROVA DE EQUIVALÊNCIA À FREQUÊNCIA FRANCÊS (LE II) COMPONENTE ESCRITA PROVA 16 2016 3.º CICLO DO ENSINO BÁSICO (Decreto-Lei n.º 139/2012, de 5 de julho)» INTRODUÇÃO O presente documento visa

Leia mais

Si, Ge, SiO 2, ZnS, etc. PF s e dureza elevados Insolúveis Isolantes (ou semicondutores)

Si, Ge, SiO 2, ZnS, etc. PF s e dureza elevados Insolúveis Isolantes (ou semicondutores) Sólidos covalentes C, diamante C, grafite Si, Ge, SiO 2, ZnS, etc. PF s e dureza elevados Insolúveis Isolantes (ou semicondutores) Sólidos covalentes TEV: rede 3D de ligações covalentes C, diamante (sp

Leia mais

Medicina. Prova Discursiva. Caderno de Prova. Instruções. Informações Gerais. Boa prova! 16/12/2012

Medicina. Prova Discursiva. Caderno de Prova. Instruções. Informações Gerais. Boa prova! 16/12/2012 Prova Discursiva Medicina 16/12/2012 Caderno de Prova Este caderno, com 16 páginas numeradas sequencialmente, contém 5 questões de Biologia e 5 questões de Química. A Classificação Periódica dos Elementos

Leia mais

EXPRESSÕES ARTÍSTICAS E FÍSICO MOTORAS 2016

EXPRESSÕES ARTÍSTICAS E FÍSICO MOTORAS 2016 AGRUPAMENTO DE ESCOLAS DA TROFA INFORMAÇÃO-PROVA EXPRESSÕES ARTÍSTICAS E FÍSICO MOTORAS 2016 Prova 23 1.º Ciclo do Ensino Básico (Decreto-Lei n.º 139/2012, de 5 de julho) O presente documento divulga informação

Leia mais

Verifique se este Caderno contém 12 questões discursivas, distribuídas de acordo com o quadro a seguir:

Verifique se este Caderno contém 12 questões discursivas, distribuídas de acordo com o quadro a seguir: 1 Confira se os dados contidos na parte inferior desta capa estão corretos e, em seguida, assine no espaço reservado para isso. Se, em qualquer outro local deste Caderno, você assinar, rubricar, escrever

Leia mais

Exame de Seleção Mestrado em Química Turma Candidato: CPF:

Exame de Seleção Mestrado em Química Turma Candidato: CPF: UNIVERSIDADE ESTADUAL DE SANTA CRUZ PRÓ-REITORIA DE PESQUISA E PÓS-GRADUAÇÃO DPTO DE CIÊNCIAS EXATAS E TECNOLÓGICAS PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM QUÍMICA Exame de Seleção Mestrado em Química Turma 2014.2

Leia mais

Física e Química A. Teste Intermédio de Física e Química A. Teste Intermédio. Versão 1. Duração do Teste: 90 minutos 10.03.2010

Física e Química A. Teste Intermédio de Física e Química A. Teste Intermédio. Versão 1. Duração do Teste: 90 minutos 10.03.2010 Teste Intermédio de Física e Química A Teste Intermédio Física e Química A Versão 1 Duração do Teste: 90 minutos 10.03.2010 10.º Ano de Escolaridade Decreto-Lei n.º 74/2004, de 26 de Março Na folha de

Leia mais

FÍSICA E QUÍMICA A 2017

FÍSICA E QUÍMICA A 2017 INFORMAÇÃO-PROVA FÍSICA E QUÍMICA A 2017 Prova 715 11.º Ano de Escolaridade (Decreto-Lei n.º 139/2012, de 5 de julho) O presente documento divulga informação relativa à prova de exame final nacional do

Leia mais

LEIA ATENTAMENTE AS INSTRUÇÕES

LEIA ATENTAMENTE AS INSTRUÇÕES CADERNO DE QUESTÕES UNIVERSIDADE FEDERAL DE GOIÁS PRÓ-REITORIA DE GRADUAÇÃO CENTRO DE SELEÇÃO PROCESSO SELETIVO/2010-2 GRUPO 1 Química 1º DIA 06/06/2010 SÓ ABRA ESTE CADERNO QUANDO AUTORIZADO LEIA ATENTAMENTE

Leia mais

Curso Tecnológico de Administração/12.º Nº de anos: 1 Duração: 120 minutos Decreto-Lei n.º 139/2012, de 5 de julho

Curso Tecnológico de Administração/12.º Nº de anos: 1 Duração: 120 minutos Decreto-Lei n.º 139/2012, de 5 de julho Curso Tecnológico de Administração/12.º Prova: Prática Nº de anos: 1 Duração: 120 minutos Decreto-Lei n.º 139/2012, de 5 de julho 1. Introdução O presente documento visa divulgar as características da

Leia mais

AGRUPAMENTO DE ESCOLAS DE BENAVENTE

AGRUPAMENTO DE ESCOLAS DE BENAVENTE AGRUPAMENTO DE ESCOLAS DE BENAVENTE Informação Prova de Equivalência à Frequência 2.º Ciclo do Ensino Básico 2015/2016 Decreto-Lei n.º 139/2012, de 5 julho Decreto -Lei nº 17/2016, de 4 de abril Aprovado

Leia mais

CLASSIFICAÇÃO PERIÓDICA DOS ELEMENTOS

CLASSIFICAÇÃO PERIÓDICA DOS ELEMENTOS 1 1 1 H 1, 00 2 3 4 2 Li 6, 94 Be 9, 01 11 12 3 Na Mg 22, 99 24, 31 19 20 4 K 39, 10 Ca 40, 08 37 38 5 Rb Sr 85, 47 87, 62 55 56 6 Cs 132, 91 Ba 137, 33 87 88 7 Fr Ra 223, 02 226, 03 CLASSIFICAÇÃO PERIÓDICA

Leia mais

INFORMAÇÃO PROVA DE EQUIVALÊNCIA À FREQUÊNCIA

INFORMAÇÃO PROVA DE EQUIVALÊNCIA À FREQUÊNCIA INFORMAÇÃO PROVA DE EQUIVALÊNCIA À FREQUÊNCIA FRANCÊS - PROVA ESCRITA e ORAL 2016 Prova 16 3.º Ciclo do Ensino Básico (Decreto-Lei n.º 139/2012 de 5 de julho) O presente documento divulga informação relativa

Leia mais

Universidade Federal de Goiás. Instituto de Química. Coordenação de Pós-Graduação em Química EXAME DE SELEÇÃO DO MESTRADO EM QUÍMICA 2015/1

Universidade Federal de Goiás. Instituto de Química. Coordenação de Pós-Graduação em Química EXAME DE SELEÇÃO DO MESTRADO EM QUÍMICA 2015/1 Nº. de Inscrição Universidade Federal de Goiás Instituto de Química Coordenação de Pós-Graduação em Química EXAME DE SELEÇÃO DO MESTRADO EM QUÍMICA 2015/1 IDENTIFICAÇÃO DO CANDIDATO - Número de Inscrição:

Leia mais

Informação n.º 03.13. Data: 2013.01.31. Para: Direção-Geral da Educação. Inspeção-Geral de Educação e Ciência. AE/ENA com ensino secundário CIREP

Informação n.º 03.13. Data: 2013.01.31. Para: Direção-Geral da Educação. Inspeção-Geral de Educação e Ciência. AE/ENA com ensino secundário CIREP Prova de Exame Nacional de Desenho A Prova 706 2013 12.º Ano de Escolaridade Para: Direção-Geral da Educação Inspeção-Geral de Educação e Ciência Direção-Geral dos Estabelecimentos Escolares Secretaria

Leia mais

Exame de Equivalência à Frequência do Ensino Secundário

Exame de Equivalência à Frequência do Ensino Secundário Exame de Equivalência à Frequência do Ensino Secundário INFORMAÇÃO EXAME DE APLICAÇÕES INFORMÁTICAS B 2016 12º ANO DE ESCOLARIDADE (DECRETO-LEI N.º 139/ 2012, DE 5 DE JULHO) Prova 163 Escrita e Prática

Leia mais

AULA 03 Tabela Periódica

AULA 03 Tabela Periódica Faculdade de Tecnologia e Ciências FTC Colegiado de Engenharia Civil Química Geral AULA 03 Tabela Periódica PROFESSORA: Shaiala Aquino shaiaquino@hotmail.com Henry Moseley A.B.Chancourtois ( 1820-1886)

Leia mais

No arquivo Exames e Provas podem ser consultados itens e critérios de classificação de provas desta disciplina.

No arquivo Exames e Provas podem ser consultados itens e critérios de classificação de provas desta disciplina. INFORMAÇÃO-PROVA GEOMETRIA DESCRITIVA A Novembro de 2016 Prova 708 11.º Ano de Escolaridade (Decreto-Lei n.º 139/2012, de 5 de julho) O presente documento divulga informação relativa à prova de exame final

Leia mais

Informação n.º 27.12. Data: 2012.01.05 (Republicação) Para: Inspeção-Geral de Educação. Direções Regionais de Educação. Escolas com 3.

Informação n.º 27.12. Data: 2012.01.05 (Republicação) Para: Inspeção-Geral de Educação. Direções Regionais de Educação. Escolas com 3. Prova Final de Ciclo de Matemática Prova 92 2012 3.º Ciclo do Ensino Básico Decreto-Lei n.º 6/2001, de 18 de janeiro Para: Direção-Geral de Inovação e de Desenvolvimento Curricular Inspeção-Geral de Educação

Leia mais

Sólidos metálicos. Fe Hg

Sólidos metálicos. Fe Hg Sólidos metálicos Fe Hg Quais são? Metalóides Não-metais Metais Sólidos metálicos partilha de e - s por muitos átomos iguais (muitos átomos e poucos electrões). Energias de ionização baixas. Propriedades

Leia mais

PROVA DE QUÍMICA MÓDULO I DO PISM (triênio )

PROVA DE QUÍMICA MÓDULO I DO PISM (triênio ) PRVA DE QUÍMICA MÓDUL I D PISM (triênio 006-008) CLASSIFICAÇÃ PERIÓDICA DS ELEMENTS 1 18 1 3 4 6 7 1 1,0 3 Li 6,9 11 Na 3,0 19 K 39,1 37 Rb 8, Cs 13,9 67 Fr 3,0 4 Be 9,0 1 Mg 4,3 0 Ca 40,1 38 Sr 87,6 6

Leia mais

Agrupamento de Escolas de Mem Martins Informação n.º /2014

Agrupamento de Escolas de Mem Martins Informação n.º /2014 Agrupamento de Escolas de Mem Martins Informação n.º /2014 Prova 527/ 2014 INFORMAÇÃO EXAME FINAL DE ESCOLA: Português 12º Ano de Escolaridade 1. Introdução O presente documento divulga informação relativa

Leia mais

FÍSICA. Questões de 01 a 04

FÍSICA. Questões de 01 a 04 FÍS. 1 FÍSICA Questões de 01 a 04 01. Considere uma estação espacial hipotética, em órbita circular em torno da Terra, a uma distância h da superfície do planeta, que equivale à metade do raio da Terra.

Leia mais

Propriedades dos metais

Propriedades dos metais Ligações metálicas Propriedades dos metais Forma sólidos cristalinos; Ponto de fusão e ebulição relativamente elevados e variados a maioria é sólida na TA; Maleabilidade e ductilidade - deformam-se sem

Leia mais

INFORMAÇÃO SOBRE A PROVA ESCRITA

INFORMAÇÃO SOBRE A PROVA ESCRITA INFORMAÇÃO PROVA DE EQUIVALÊNCIA À FREQUÊNCIA Inglês (Prova Escrita + Prova Oral) 2016 Prova 06 ----------------------------------------------------------------------------------------------------------------

Leia mais

ESPANHOL Abril de 2015. Prova 15 2015

ESPANHOL Abril de 2015. Prova 15 2015 INFORMAÇÃO PROVA FINAL DE CICLO ESPANHOL Abril de 2015 Prova 15 2015 3.º Ciclo do Ensino Básico (Decreto-Lei n.º 139/2012, de 5 de julho) 1. Introdução O presente documento visa divulgar as características

Leia mais

Sólidos metálicos. Fe Hg

Sólidos metálicos. Fe Hg Sólidos metálicos Fe Hg Quais são? Metalóides Não-metais Metais Sólidos metálicos partilha de e - s por muitos átomos iguais (muitos átomos e poucos electrões). Energias de ionização baixas. Propriedades

Leia mais

SÓ ABRA QUANDO AUTORIZADO.

SÓ ABRA QUANDO AUTORIZADO. UNIVERSIDADE FEDERAL DE MINAS GERAIS QUÍMICA Prova de 2 a Etapa SÓ ABRA QUANDO AUTORIZADO. Leia atentamente as instruções que se seguem. 1 - Este Caderno de Prova contém cinco questões, constituídas de

Leia mais

DESAFIO EM QUÍMICA PUC-RIO

DESAFIO EM QUÍMICA PUC-RIO DESAFIO EM QUÍMICA PUC-RIO Leia atentamente as instruções abaixo: Esta prova destina-se exclusivamente aos alunos da 3 a série do ensino médio. A prova contém cinco questões discursivas, cada uma valendo

Leia mais

FÍSICA. Questões de 01 a 04

FÍSICA. Questões de 01 a 04 GRUPO 1 TIPO A FÍS. 1 FÍSICA Questões de 01 a 04 01. Considere o movimento de queda de uma partícula de massa, m, em um meio fluido cuja força de viscosidade pode ser modelada como sendo proporcional à

Leia mais

2015.1 VESTIBULAR. Medicina. Prova Discursiva 02/11/2014

2015.1 VESTIBULAR. Medicina. Prova Discursiva 02/11/2014 VESTIBULAR 2015.1 Universidade Severino Sombra - USS Prova Discursiva Medicina 02/11/2014 Este caderno, com 16 páginas numeradas, contém 5 questões de Biologia e 5 questões de Química. A Classificação

Leia mais

BIOLOGIA/QUÍMICA UNIVERSIDADE FEDERAL DE MINAS GERAIS. 2 a Etapa SÓ ABRA QUANDO AUTORIZADO. COLE AQUI A ETIQUETA

BIOLOGIA/QUÍMICA UNIVERSIDADE FEDERAL DE MINAS GERAIS. 2 a Etapa SÓ ABRA QUANDO AUTORIZADO. COLE AQUI A ETIQUETA 2 a Etapa BIOLOGIA/QUÍMICA SÓ ABRA QUANDO AUTORIZADO. UNIVERSIDADE FEDERAL DE MINAS GERAIS Leia atentamente o CARTAZ sobre ELIMINAÇÃO AUTOMÁTICA, afixado na parede da sala, à sua frente, e as instruções

Leia mais

QUESTÕES OBJETIVAS. As afirmativas seguintes, referentes aos elementos a, b, c, d, e, são corretas, EXCETO:

QUESTÕES OBJETIVAS. As afirmativas seguintes, referentes aos elementos a, b, c, d, e, são corretas, EXCETO: QUESTÕES OBJETIVAS 9) O esquema abaixo representa uma tabela periódica simplificada. Li a b Ca Sc c O e d As afirmativas seguintes, referentes aos elementos a, b, c, d, e, são corretas, EXCETO: a) c é

Leia mais

A prova é constituída por duas partes, prova escrita e prova oral, a ter lugar em datas distintas.

A prova é constituída por duas partes, prova escrita e prova oral, a ter lugar em datas distintas. 2015/2016 ANO DE ESCOLARIDADE: 9º ANO DURAÇÃO DA PROVA ESCRITA: 90 minutos TOLERÂNCIA: 00 minutos DURAÇÃO DA PROVA ORAL: ± 15 MINUTOS INFORMAÇÃO PROVA DE EQUIVALÊNCIA À FREQUÊNCIA 3.º CICLO - 1.ª e 2.ª

Leia mais

Versão 1. Utilize apenas caneta ou esferográfica de tinta indelével, azul ou preta.

Versão 1. Utilize apenas caneta ou esferográfica de tinta indelével, azul ou preta. Teste Intermédio de Física e Química A Versão 1 Teste Intermédio Física e Química A Versão 1 Duração do Teste: 90 minutos 05.05.2011 11.º Ano de Escolaridade Decreto-Lei n.º 74/2004, de 26 de Março Na

Leia mais

INGLÊS PROVA ESCRITA. 1. Introdução. 2. Objeto de avaliação. A) Competências COLÉGIO LICEAL DE SANTA MARIA DE LAMAS

INGLÊS PROVA ESCRITA. 1. Introdução. 2. Objeto de avaliação. A) Competências COLÉGIO LICEAL DE SANTA MARIA DE LAMAS Informação - Exame de Equivalência à Frequência do Ensino Básico de COLÉGIO LICEAL DE SANTA MARIA DE LAMAS Prova de Exame de Equivalência à Frequência do Ensino Básico de: Prova 21 1ª Fase 2013 9º Ano

Leia mais

AGRUPAMENTO DE ESCOLAS DE SAMORA CORREIA ESCOLA BÁSICA PROF. JOÃO FERNANDES PRATAS ESCOLA BÁSICA DE PORTO ALTO

AGRUPAMENTO DE ESCOLAS DE SAMORA CORREIA ESCOLA BÁSICA PROF. JOÃO FERNANDES PRATAS ESCOLA BÁSICA DE PORTO ALTO AGRUPAMENTO DE ESCOLAS DE SAMORA CORREIA ESCOLA BÁSICA PROF. JOÃO FERNANDES PRATAS ESCOLA BÁSICA DE PORTO ALTO Prova Extraordinária de Avaliação (Matemática) 3º Ciclo - 8.º Ano de Escolaridade Despacho

Leia mais

COTAÇÕES. 2... 8 pontos. 1.3... 16 pontos. 52 pontos. 48 pontos. 16 pontos Subtotal... 84 pontos. TOTAL... 200 pontos

COTAÇÕES. 2... 8 pontos. 1.3... 16 pontos. 52 pontos. 48 pontos. 16 pontos Subtotal... 84 pontos. TOTAL... 200 pontos Teste Intermédio Física e Química A Critérios de Classificação 12.02.2014 11.º Ano de Escolaridade COTAÇÕES GRUPO I 1.... 8 pontos 2.... 16 pontos 3.... 12 pontos 4.... 8 pontos 5.... 8 pontos 52 pontos

Leia mais

INFORMAÇÃO - PROVA DE EQUIVALÊNCIA À FREQUÊNCIA CIÊNCIAS NATURAIS_9º ANO / 2015. 3. Ciclo do Ensino Básico

INFORMAÇÃO - PROVA DE EQUIVALÊNCIA À FREQUÊNCIA CIÊNCIAS NATURAIS_9º ANO / 2015. 3. Ciclo do Ensino Básico AGRUPAMENTO DE ESCOLAS VIEIRA DE ARAÚJO ESCOLA EB/S VIEIRA DE ARAÚJO VIEIRA DO MINHO INFORMAÇÃO - PROVA DE EQUIVALÊNCIA À FREQUÊNCIA CIÊNCIAS NATURAIS_9º ANO / 2015 3. Ciclo do Ensino Básico [Despacho

Leia mais

Agrupamento de Escolas de Porto de Mós

Agrupamento de Escolas de Porto de Mós Prova de Equivalência à Frequência - História- 9º Ano Prova Código 19-2016 3º Ciclo do Ensino Básico 1. Introdução O presente documento visa divulgar as características da prova de equivalência à frequência

Leia mais

Literatura Portuguesa

Literatura Portuguesa Prova de Exame Nacional de Literatura Portuguesa Prova 734 2013 10.º e 11.º Anos de Escolaridade Para: Direção-Geral da Educação Inspeção-Geral de Educação e Ciência Direções Regionais de Educação Secretaria

Leia mais

QUÍMICA VESTIBULAR ª ETAPA

QUÍMICA VESTIBULAR ª ETAPA QUÍMICA VESTIBULAR 2002 2ª ETAPA (Cada questão desta prova vale até cinco pontos) 1 1 1 H 1, 00 2 3 4 2 Li 6, 94 Be 9, 01 11 12 3 Na Mg 22, 99 24, 31 19 20 4 K 39, 10 37 Ca 40, 08 38 5 Rb 85, 47 55 Sr

Leia mais

Exame de Recuperação Curso Profissional de Técnico de Gestão e Programação de Sistemas Informáticos

Exame de Recuperação Curso Profissional de Técnico de Gestão e Programação de Sistemas Informáticos Exame de Recuperação Curso Profissional de Técnico de Gestão e Programação de Sistemas Informáticos DISCIPLINA: Física e Química Módulo: Q1 2015/2016 10 ºAno de escolaridade Data: 30 de outubro de 2015

Leia mais

Universidade Federal de Goiás Instituto de Química Coordenação de Pós-graduação

Universidade Federal de Goiás Instituto de Química Coordenação de Pós-graduação Universidade Federal de Goiás Instituto de Química Coordenação de Pós-graduação EXAME DE SELEÇÃO DO MESTRADO EM QUÍMICA 2013/1 IDENTIFICAÇÃO DO CANDIDATO Número de Inscrição: INSTRUÇÕES IMPROTANTES: -

Leia mais

FÍSICA. Questões de 01 a 04

FÍSICA. Questões de 01 a 04 FÍS. 1 FÍSICA Questões de 01 a 04 01. As distâncias que separam a Terra da Lua e a Terra do Sol são, respectivamente, 400.000km e 150 milhões de quilômetros. A massa da Terra é, aproximadamente, 24 30

Leia mais

EXAME Discursivo. 2 A fase 01/12/2013. Boa prova!

EXAME Discursivo. 2 A fase 01/12/2013. Boa prova! 2 A fase EXAME Discursivo 01/12/2013 Química Caderno de prova Este caderno, com dezesseis páginas numeradas sequencialmente, contém dez questões de Química. A Classificação Periódica dos Elementos está

Leia mais

Química Inorgânica. Bioinorgânica

Química Inorgânica. Bioinorgânica Bioquímica Química Inorgânica Bioinorgânica Impacto - Medicina -Farmacologia -Agricultura - Ciências do meio ambiente Resolução de problemas -Química - Física - Biologia Molecular Nos sistemas biológicos

Leia mais

Jogos Didáticos de Química 4

Jogos Didáticos de Química 4 Jogos Didáticos de Química 4 Jogos Didáticos de Química 5 APRESENTAÇÃO Esta publicação traz exemplos jogos didáticos destinados ao ensino de química. Os jogos elaborados até o momento contemplam conteúdos

Leia mais

Vestibular2014 MEDICINA. Prova Discursiva 17/11/2013

Vestibular2014 MEDICINA. Prova Discursiva 17/11/2013 Universidade Severino Sombra - USS Vestibular2014 Prova Discursiva MEDICINA 17/11/2013 Este caderno, com 16 páginas numeradas, contém 5 questões de Biologia e 5 questões de Química. A Classificação Periódica

Leia mais

INGLÊS PROVA ESCRITA. 1. Introdução

INGLÊS PROVA ESCRITA. 1. Introdução Matriz da Prova de Exame de Equivalência à Frequência do Ensino Básico de COLÉGIO LICEAL DE SANTA MARIA DE LAMAS Prova de Exame de Equivalência à Frequência do Ensino Básico de: Prova 21 2016 9.º Ano de

Leia mais

QUÍMICA MÓDULO II (triênio )

QUÍMICA MÓDULO II (triênio ) QUÍMICA MÓDUL II (triênio 2002-2004) 1 1 1 H 1, 00 2 3 4 2 Li 6, 94 Be 9, 01 11 12 3 Na Mg 22, 99 24, 31 19 20 4 K 39, 10 Ca 40, 08 37 38 5 Rb Sr 85, 47 87, 62 55 56 6 Cs 132, 91 Ba 137, 33 87 88 7 Fr

Leia mais

Versão 1. Utilize apenas caneta ou esferográfica de tinta indelével, azul ou preta.

Versão 1. Utilize apenas caneta ou esferográfica de tinta indelével, azul ou preta. Teste Intermédio de Física e Química A Versão 1 Teste Intermédio Física e Química A Versão 1 Duração do Teste: 90 minutos 29.04.2013 11.º Ano de Escolaridade Na folha de respostas, indique de forma legível

Leia mais

QUÍMICA MÓDULO I (triênio )

QUÍMICA MÓDULO I (triênio ) QUÍMICA MÓDULO I (triênio 2003-2005) 1 1 1 H 1, 00 2 3 4 2 Li 6, 94 Be 9, 01 11 12 3 Na Mg 22, 99 24, 31 19 20 4 K 39, 10 37 Ca 40, 08 38 5 Rb 85, 47 55 Sr 87, 62 56 6 Cs 132, 91 Ba 137, 33 87 88 7 Fr

Leia mais

Física e Química A. Teste Intermédio de Física e Química A. Teste Intermédio. Versão 1. Duração do Teste: 90 minutos 03.06.2009

Física e Química A. Teste Intermédio de Física e Química A. Teste Intermédio. Versão 1. Duração do Teste: 90 minutos 03.06.2009 Teste Intermédio de Física e Química A Teste Intermédio Física e Química A Versão 1 Duração do Teste: 90 minutos 03.06.2009 10.º ou 11.º Anos de Escolaridade Decreto-Lei n.º 74/2004, de 26 de Março Na

Leia mais

ESCOLA SECUNDÁRIA DE CASQUILHOS

ESCOLA SECUNDÁRIA DE CASQUILHOS ESCOLA SECUNDÁRIA DE CASQUILHOS.º teste sumativo de FQA 7. OUTUBRO. 204 Versão 0.º Ano Turma A Professor: Maria do Anjo Albuquerque Duração da prova: 90 minutos. Este teste é constituído por 7 páginas

Leia mais

Utilize apenas caneta ou esferográfica de tinta indelével, azul ou preta.

Utilize apenas caneta ou esferográfica de tinta indelével, azul ou preta. Teste Intermédio Física e Química A Versão 1 Duração do Teste: 90 minutos 12.02.2014 11.º Ano de Escolaridade Indique de forma legível a versão do teste. Utilize apenas caneta ou esferográfica de tinta

Leia mais

FÍSICA. Questões de 01 a 04

FÍSICA. Questões de 01 a 04 FÍS. 1 FÍSICA Questões de 01 a 04 01. Considere uma partícula presa a uma mola ideal de constante elástica k = 420 N / m e mergulhada em um reservatório térmico, isolado termicamente, com 10 litros de

Leia mais

Data: 2010.11.08. Para: Inspecção-Geral de Educação. Direcções Regionais de Educação. Escolas com Ensino Secundário CIREP FERLAP CONFAP

Data: 2010.11.08. Para: Inspecção-Geral de Educação. Direcções Regionais de Educação. Escolas com Ensino Secundário CIREP FERLAP CONFAP Prova de Exame Nacional de Biologia e Geologia Prova 702 2011 10.º e 11.º Anos de Escolaridade Decreto-Lei n.º 74/2004, de 26 de Março Para: Direcção-Geral de Inovação e de Desenvolvimento Curricular Inspecção-Geral

Leia mais

003. Ciências da Natureza e Matemática

003. Ciências da Natureza e Matemática VESTIBULAR 2013 Prova de Conhecimentos Específicos e Redação 16.12.2012 Assinatura do candidato 003. Ciências da Natureza e Matemática (Questões 13-24) Confira seus dados impressos neste caderno. Assine

Leia mais

AGRUPAMENTO DE ESCOLAS SEBASTIÃO DA GAMA

AGRUPAMENTO DE ESCOLAS SEBASTIÃO DA GAMA AGRUPAMENTO DE ESCOLAS SEBASTIÃO DA GAMA ESCOLA SECUNDÁRIA SEBASTIÃO DA GAMA Cursos Científico-Humanísticos de Ciências e Tecnologias Ensino Recorrente de Nível Secundário Física e Química A 10ºano MÓDULO

Leia mais

INFORMAÇÃO- PROVA COMUM

INFORMAÇÃO- PROVA COMUM INFORMAÇÃO- PROVA COMUM 1. Introdução O presente documento visa divulgar as características da prova comum, do ensino secundário, da disciplina de, a realizar em 2015, conforme decisão do Conselho Pedagógico

Leia mais

Processo Seletivo 2009-1

Processo Seletivo 2009-1 Processo Seletivo 2009-1 GRUP 1 UNIVERSIDADE FEDERAL DE GIÁS PRÓ-REITRIA DE GRADUAÇÃ CENTR DE SELEÇÃ Química SÓ ABRA QUAND AUTRIZAD 1. Após autorização, verifique se este caderno está completo ou se contém

Leia mais

Química. 2ª Fase Exame Discursivo 29/11/2015. Caderno de prova. Instruções. Informações gerais. Boa prova!

Química. 2ª Fase Exame Discursivo 29/11/2015. Caderno de prova. Instruções. Informações gerais. Boa prova! 2ª Fase Exame Discursivo 29/11/2015 Química Caderno de prova Este caderno, com dezesseis páginas numeradas sequencialmente, contém dez questões de Química. A Classificação Periódica dos Elementos está

Leia mais

Exame de Equivalência à Frequência 2011/2012 Escola Secundária da Ramada

Exame de Equivalência à Frequência 2011/2012 Escola Secundária da Ramada Exame de Equivalência à Frequência 2011/2012 Escola Secundária da Ramada Ensino Básico INGLÊS INFORMAÇÃO-EXAME Ciclo 3º Ciclo do Ensino Básico Legislação Dec. Lei n.º6/2001, de 18 de janeiro Data 11 de

Leia mais

Informação sobre a Prova de Exame de Equivalência à Frequência

Informação sobre a Prova de Exame de Equivalência à Frequência Informação sobre a Prova de Exame de Equivalência à Frequência Prova de Francês LEII 3º Ciclo do Ensino Básico Duração da Prova: 90 minutos (escrita); 15 minutos (oral) 1.Objeto de avaliação A prova a

Leia mais

Decreto-Lei nº139 /2012, de 5 de junho, alterado pelo Despacho Normativo n.º1-g/2016

Decreto-Lei nº139 /2012, de 5 de junho, alterado pelo Despacho Normativo n.º1-g/2016 Informação - Prova de Equivalência à Frequência de Físico-Química 3.º Ciclo do Ensino Básico Decreto-Lei nº139 /2012, de 5 de junho, alterado pelo Despacho Normativo n.º1-g/2016 Prova 11 (2016) Duração

Leia mais

AGRUPAMENTO DE ESCOLAS DE MEM MARTINS Informação n.º /2013

AGRUPAMENTO DE ESCOLAS DE MEM MARTINS Informação n.º /2013 AGRUPAMENTO DE ESCOLAS DE MEM MARTINS Informação n.º /2013 Prova _342_ / 2013 Exame de Equivalência à Frequência de: QUÍMICA Ensino Secundário Decreto-Lei n.º 139/2012, de 5 de julho. Portaria n.º 243/2012,

Leia mais

Escola Secundária de Casquilhos Teste 1 de Física e Química A 10º ANO 22/10/2013 90 minutos

Escola Secundária de Casquilhos Teste 1 de Física e Química A 10º ANO 22/10/2013 90 minutos Escola Secundária de Casquilhos Teste 1 de Física e Química A 10º ANO 22/10/2013 90 minutos NOME Nº Turma Informação Professor Enc. de Educação 1. Os átomos dos isótopos e do carbono têm (A) números atómicos

Leia mais

1.2. Os alunos colocaram sobrecargas sobre o paralelepípedo, para averiguar se a intensidade da força de atrito depende:

1.2. Os alunos colocaram sobrecargas sobre o paralelepípedo, para averiguar se a intensidade da força de atrito depende: Escola Secundária de Lagoa Física e Química A 11º Ano Turma A Paula Melo Silva Ficha de Trabalho 24 Global 1. Numa segunda série de ensaios, os alunos colocaram sobrecargas sobre o paralelepípedo e abandonaram

Leia mais

1. Introdução. 2. Objeto de avaliação. Exame de Equivalência à Frequência: 12º ano do Ensino Secundário. Física

1. Introdução. 2. Objeto de avaliação. Exame de Equivalência à Frequência: 12º ano do Ensino Secundário. Física Exame de Equivalência à Frequência: Física 12º ano do Ensino Secundário Decreto-Lei n.º 139/2012, de 5 de julho. Portaria n.º 243/2012, de 10 de agosto. 1. Introdução O presente documento visa divulgar

Leia mais

Informação n.º Data: Para: Direção-Geral da Educação. Inspeção-Geral da Educação e Ciência. Direções Regionais de Educação

Informação n.º Data: Para: Direção-Geral da Educação. Inspeção-Geral da Educação e Ciência. Direções Regionais de Educação Prova de Exame Nacional de Física e Química A Prova 715 2013 10.º e 11.º Anos de Escolaridade Para: Direção-Geral da Educação Inspeção-Geral da Educação e Ciência Direções Regionais de Educação Secretaria

Leia mais

Grupo I. 1. No laboratório, encontras vários frascos com substâncias químicas. O que significam os seguintes símbolos de segurança:

Grupo I. 1. No laboratório, encontras vários frascos com substâncias químicas. O que significam os seguintes símbolos de segurança: Banco de Questões nº 1 Módulo Inicial Materiais: diversidade e constituição Grupo I 1. No laboratório, encontras vários frascos com substâncias químicas. O que significam os seguintes símbolos de segurança:

Leia mais

Informação-Prova de Equivalência à disciplina de: Aplicações Informáticas B. 1. Introdução. Ensino Secundário. Ano letivo de 2011/12

Informação-Prova de Equivalência à disciplina de: Aplicações Informáticas B. 1. Introdução. Ensino Secundário. Ano letivo de 2011/12 Informação-Prova de Equivalência à disciplina de: Aplicações Informáticas B Ensino Secundário Ano letivo de 2011/12 1. Introdução O presente documento visa divulgar as características da prova de exame

Leia mais

química EXAME DISCURSIVO 2ª fase 30/11/2014

química EXAME DISCURSIVO 2ª fase 30/11/2014 EXAME DISCURSIVO 2ª fase 30/11/2014 química Caderno de prova Este caderno, com dezesseis páginas numeradas sequencialmente, contém dez questões de Química. A Classificação Periódica dos Elementos está

Leia mais

7ª OLIMPÍADA DE QUÍMICA DO RIO DE JANEIRO 2012

7ª OLIMPÍADA DE QUÍMICA DO RIO DE JANEIRO 2012 7ª OLIMPÍADA DE QUÍMICA DO RIO DE JANEIRO 2012 MODALIDADE EM1 2ª FASE Leia atentamente as instruções abaixo: Esta prova destina-se exclusivamente aos alunos da 1 a série do ensino médio. A prova contém

Leia mais

Processabilidade nos Tratamentos de Superfícies para Elementos de Fixação

Processabilidade nos Tratamentos de Superfícies para Elementos de Fixação 1 Processabiidade nos Tratamentos de Superfícies para Eementos de Fixação (parafusos, porcas, arrueas e afins) Patricia Preikschat SurTec Deutschand GmbH D-64673 Zwingenberg 1. Legisação e Consequências

Leia mais

INFORMAÇÃO PROVA FINAL A NÍVEL DE ESCOLA. 2º Ciclo do Ensino Básico / 6º Ano

INFORMAÇÃO PROVA FINAL A NÍVEL DE ESCOLA. 2º Ciclo do Ensino Básico / 6º Ano INFORMAÇÃO PROVA FINAL A NÍVEL DE ESCOLA Matemática Prova 52 / 1ª FASE 2º Ciclo do Ensino Básico / 6º Ano Decreto-Lei n.º 3/2008, de 7 de janeiro 2014 1. Introdução O presente documento visa divulgar as

Leia mais

INFORMAÇÃO DE PROVA DE EQUIVALÊNCIA À FREQUÊNCIA Ano 2015/2016

INFORMAÇÃO DE PROVA DE EQUIVALÊNCIA À FREQUÊNCIA Ano 2015/2016 AGRUPAMENTO DE ESCOLAS POETA ANTÓNIO ALEIXO INFORMAÇÃO DE PROVA DE EQUIVALÊNCIA À FREQUÊNCIA Ano 2015/2016 Despacho normativo nº1-d/2016 de 4 de março Despacho normativo nº1-g/2016 de 6 de abril 1ª e 2.ª

Leia mais